Sample records for epidermis
from WorldWideScience.org

Sample records 1 - 20 shown. Select sample records:



1

Epiderme dos segmentos foliares de Mauritia flexuosa L. f. (Arecaceae) em três fases de desenvolvimento/ Epidermis of leaf segments from Mauritia flexuosaL. f. (Arecaceae) on three phases of development

Passos, Mahedy Araújo Bastos; Mendonça, Maria Sílvia de
2006-12-01

Resumo em português São apresentados os dados anatômicos da epiderme dos segmentos foliares de Mauritia flexuosa L. f. (Arecaceae) em três fases do desenvolvimento. Os segmentos foliares foram analisados em toda a extensão do limbo. As células intercostais da epiderme das faces adaxial e abaxial evidenciam-se com paredes sinuosas, retangulares e orientadas longitudinalmente em relação ao eixo do segmento foliar com acentuada presença de corpos de sílica esférico-espinulosos. As cé (mais) lulas epidérmicas da região costal de ambas as faces apresentam paredes retas e variam entre curtas, longas e arredondadas. Os tricomas são simples, unicelulares, longos, com base mais alargada. Os segmentos foliares de M. flexuosa são anfiestomáticos com estômatos tetracíticos. Em secção transversal a epiderme foliar é uniestratificada com câmara subestomática ampla. Os resultados obtidos não demonstraram variações expressivas entre as três fases de desenvolvimento e os caracteres encontrados parecem ser comuns a outras palmeiras. Resumo em inglês Anatomic data on the epidermis leaf segments from Mauritia flexuosa L. f. (Arecaceae) are presented on three phases of development. Leaf segments were analyzed on the all extension of leaf. Both adaxial and abaxial epidermal cells stand out with sinuous walls, rectangular and longitudinally oriented to the foliar axis with the marked presence of spherical- spiny silica bodies. The back epidermal cells of both surfaces present straight walls and vary among short, long and (mais) round. Trichomes are unicellular, simple, long, with a wider base. Leaf segments from M. flexuosa are anphistomatic with tetracitic type stomats. In a cross-section the leaf skin is unistratified with a broad substimatic chamber. The findings obtained showed no significant variations among the three phases of development and the characters that were found appear to be common on other palm trees.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

2

Características morfoanatômicas da epiderme foliar de plantas variantes e não variantes somaclonais de bananeiras (Musa sp. Colla cv. Prata-anã) cultivadas in vitro/ Morphoanatomical characteristics of the leaf epidermis of variant plants and somaclonal non-variants of banana trees (Musa sp. Colla cv. Prata-anã) cultivated in vitro

Lacerda, Guilherme Araújo; Silva, Janaina de Oliveira Costa e; Abreu, Juscélio Clemente de; Alves, Eduardo; Paiva, Luciano Vilela
2008-03-01

Resumo em português A variação somaclonal corresponde ao aparecimento de plantas anormais durante o processo de multiplicação in vitro, principalmente relacionada à estatura, no caso o gigantismo. O objetivo deste trabalho foi averiguar as diferenças morfoanatômicas da epiderme foliar na tentativa de diferenciar as plantas de 'Prata-anã' em relação aos seus variantes somaclonais. A análise por microscopia eletrônica de varredura mostrou uma diferença significativa entre o diâme (mais) tro polar dos estômatos da 'Prata-anã' não variante e suas variantes, ambas em condições in vitro, observando-se que o mesmo não ocorre para as plantas in vivo. O número médio de estômatos é menor nas plantas variantes somaclonais, porém sem diferenças significativas a não ser para a planta PIII. A descamação de cera é evidente somente nas plantas variantes de ambos os materiais (in vitro e in vivo). Conclui-se que os caracteres morfoanatômicos da epiderme foliar, como densidade estomática, diâmetro estomático polar e a uniformidade da cera atuam como marcadores morfológicos para caracterizar as plantas micropropagadas de 'Prata-anã' em relação aos seus variantes somaclonais para a característica gigantismo. Resumo em inglês Somaclonal variation corresponds to the emergence of abnormal plants during the process of multiplication in vitro, mainly related to stature, in the case the gigantism. The aim of this work was to discover morphoanatomical differences of the leaf epidermis in an attempt to differentiate plants of "Prata-anã" from their somaclonal variants. Analysis by scanning electronic microscopy showed significant difference between the polar diameter of the stomata of the "Prata-an� (mais) �" non-variant and its variants, both in vitro. The same does not happen for plants in vivo. The average number of stomata is lower in the somaclonal variant plants, but without significant differences except for plant PIII. Wax peeling is only evident in the variant plants of both the in vitro and in vivo material. We concluded that morphoanatomical characters of the leaf epidermis, such as stomatal density, polar stomatal diameter and wax uniformity act as morphological markers to characterize the micropropagated plants of "Prata-anã" in relation to the somaclonal variants for the characteristic gigantism.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

3

Relação entre número de estegmata na epiderme foliar e intensidade da antracnose em Stylosanthes spp/ Relationship between number of stegmata on leaf epidermis and anthracnose intensity in Stylosanthes spp

Jerba, Vanessa de Fátima; Fernandes, Celso Dornelas; Pott, Arnildo
2006-01-01

Resumo em português O objetivo deste trabalho foi quantificar o número de estegmata em cinco espécies de Stylosanthes e relacioná-lo à severidade da antracnose. Quantificaram-se os estegmata em secções foliares paradérmicas, coradas com safranina a 1%. A antracnose foi avaliada no 12º dia, depois da inoculação de Colletotrichum gloeosporioides. As espécies apresentaram número semelhante de estegmata na epiderme foliar, à exceção de S. guianensis, que apresentou menor quantidad (mais) e. Maior severidade da antracnose foi observada em S. macrocephala e, em seguida, em S. capitata. Não foi constatada correlação significativa entre número de estegmata na epiderme foliar e a severidade da doença. Resumo em inglês The objective of this work was to quantify the number of stegmata in leaf epidermis of five Stylosanthes species, and correlate it to anthracnose severity. Counting of stegmata number per cell unit was done on paradermal sections stained with 1% saffranine. Anthracnose severity was appraised 12 days after inoculation using isolate of Colletotrichum gloeosporioides. The number of stegmata was similar among the species, except for S. guianensis, which presented lower quanti (mais) ty. Anthracnose severity was higher on S. macrocephala followed by S. capitata. No significant correlation was observed between anthracnose severity and number of stegmata in leaf epidermal cells of the studied species.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

4

Marcadores de hiperproliferação na epiderme do meato acústico externo/ Hyperproliferation markers in ear canal epidermis

Gurgel, João Daniel Caliman e; Pereira, Siqueira Barbosa; Alves, Adriana Leal; Ribeiro, Fernando Quintanilha
2010-10-01

Resumo em português Vários estudos envolvendo métodos imunoistoquímicos para avaliação da epiderme do meato acústico externo já foram realizados com os mais diversos objetivos. Por estes métodos é possível avaliar a expressão de antígenos como as citoqueratinas, citocinas, marcadores de hiperproliferação, entre outros. OBJETIVO: Revisar, descrever e analisar a expressão dos marcadores imunoistoquímicos de hiperproliferação na epiderme do meato acústico externo normal. MATE (mais) RIAIS E MÉTODOS: Revisão sistemática de artigos publicados até o ano de 2009 em periódicos internacionais indexados. RESULTADOS: Vários antígenos relacionados à hiperproliferação foram pesquisados por meio de métodos imunoistoquímicos dentre os artigos analisados. Os mais estudados foram a citoqueratina 16, o Ki-67 e o PCNA. CONCLUSÕES: A maioria dos trabalhos utilizou fragmentos de epiderme do meato acústico externo como amostra controle para estudo imunoistoquímico do colesteatoma da orelha média ou externa. Há uma concentração de marcadores de hiperproliferação como a CK16, o Ki-67 e o PCNA no anel fibrocartilagíneo e nas regiões adjacentes do meato acústico externo e da membrana timpânica. Resumo em inglês Several studies involving immunohistochemical methods to assess external auditory canal epidermis have been performed with different objectives. With this method it is possible to assess the expression of various antigens such as cytokeratins, cytokines, and hyperproliferation markers among others. AIM: to revise, describe and analyze the knowledge generated by identifiable papers published on the worldwide literature about immunohistochemical hyperproliferation markers i (mais) n normal external auditory canal epidermis. MATERIALS AND METHODS: systematic review of the papers published until 2009, in indexed international journals. RESULTS: Various antigens related to hyperproliferation were investigated by immunohistochemical methods among the included papers. The most studied ones were cytokeratin 16, Ki-67 and PCNA. CONCLUSIONS: most of the studies utilized external auditory canal epidermis as control sample to study external ear or middle ear cholesteatoma with immunohistochemical methods. There is a hyperproliferative antigen concentration, such as CK16, Ki-67 and PCNA, in the annulus tympanicus, adjacent meatus and tympanic regions, mainly in the lower areas.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

5

Técnica para o estudo da anatomia da epiderme foliar de batata/ A technique for the anatomical study of potato leaf epidermis

Segatto, Fernanda Bastos; Bisognin, Dilson Antônio; Benedetti, Marlova; Costa, Liege Camargo da; Rampelotto, Marcos Vicente; Nicoloso, Fernando Teixeira
2004-10-01

Resumo em português Embora a batata (Solanum tuberosum) seja uma espécie de grande valor econômico, são poucas as informações disponíveis sobre a anatomia foliar, principalmente de características estruturais da epiderme. O estudo da anatomia foliar assume grande importância básica, para a ecologia e fisiologia, e aplicada para a fitopatologia e o melhoramento genético. Este trabalho teve por objetivo identificar uma técnica histológica que permite a confecção de lâminas semip (mais) ermanentes para avaliar a epiderme foliar, em vista frontal, de um grande número de plantas de batata em um curto período de tempo. O corte paradérmico a mão livre, o método de Jeffrey e as técnicas de hidróxido de potássio e de impressão da epiderme foram avaliados. Lâminas semipermanentes foram confeccionadas da secção frontal da epiderme de folíolos principais do terço médio de plantas de batata. A impressão da epiderme em lâmina foi a única técnica que possibilitou a avaliação adequada de todos os clones de batata utilizados. A impressão da epiderme é uma técnica muito rápida, de baixo custo e de fácil execução, que atende os requisitos necessários para a identificação e seleção de características anatômicas de um grande número de plantas em um programa de melhoramento genético de batata. Resumo em inglês Even though potato (Solanum tuberosum) is an economically important crop, information about leaf characteristics of anatomical structure has not been well studied. Studies of leaf epidermis have significance for basic fields as ecology and physiology and for applied fields as plant pathology and breeding. The objective of this research was to identify a fast and easy technique to prepare semi-permanent slides for studying the anatomy of potato leaf epidermis. Para dermal (mais) free hand cut, Jeffrey method, potassium hydroxide and epidermal fingerprint on glass slide techniques were evaluated. Semi-permanent slides were prepared from the longitudinal section of main leaflets from the medium portion of potato plants. An adequate study of all evaluated clones was only possible with the epidermal fingerprint technique. The epidermal fingerprint on glass slides is a fast preparing, low cost and easy implementation technique, which enables to evaluate a high number of potato plants in a short period of time.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

6

Alterações morfológicas induzidas por butirato, propionato e lactato sobre a mucosa ruminal e epiderme de bezerros: II. Aspectos ultra-estruturais/ Lactate, propionate, and butyrate induced morphological alterations on calf ruminal mucosa and epidermis: II. Ultra-structurals aspects

Costa, S.F.; Pereira, M.N.; Melo, L.Q.; Caliari, M.V.; Chaves, M.L.
2008-02-01

Resumo em português Avaliou-se o efeito de ácidos graxos voláteis (AGV) sobre a integridade do epitélio no rúmen, no plano nasolabial, na epicera e no perioplum traseiro e dianteiro de bezerros e validou-se a feitura de biópsias tegumentares como indicadores de alterações morfológicas da mucosa ruminal. Dezessete bezerros, com sonda no rúmen, receberam infusões intra-ruminais de AGV ou salina, durante 37 dias. Aos 89 dias de vida, após o abate, foram colhidas amostras dos tecidos. (mais) Os AGV aumentaram a área de epitélio total e a área de células metabolicamente ativas no epitélio ruminal, embora o butirato não tenha induzido ao desenvolvimento papilar. A área de epitélio não queratinizado no plano nasolabial foi reduzida pela infusão de AGV. Butirato e lactato foram mais indutores de alterações patológicas no epitélio ruminal. Não foram observadas lesões histológicas nos epitélios do plano nasolabial, da epicera e do perioplum, mostrando que essas são conseqüências do efeito direto dos AGV sobre o epitélio ruminal. Os efeitos indireto e direto dos AGV sobre a morfologia dos tecidos epiteliais queratinizados não foram iguais. Biópsias tegumentares podem ter utilidade como indicadores de alterações morfológicas da mucosa ruminal. Resumo em inglês The effect of volatile fatty acids (VFA) on rumen wall, epidermis of nasolabial surface, perioplum, and epicera of calves was evaluated. The experiment also aimed to validate the procedure of tegument biopsies as indicators of ruminal mucosa alterations. Seventeen neonatal calves with foley catheters received intraruminal infusions of VFA or saline, during 37 days. At 89-day-old, the animals were slaughtered and tissue samples were collected from rumen, nasolabial surface (mais) , epicera, and perioplum from face and hindquarters. VFA infusion increased total epithelium area and metabolically active ruminal cell area; although butirate did not induce the papilar development. The effect of nasolabial surface VFA infusion was the opposite to that observed in the rumen. No histological lesion was observed on nasolabial surface, epicera, and perioplum, demonstrating that these are consequences of VFA direct effect on ruminal epithelium. Butyrate and lactate induced more alterations on the ruminal epithelium. Indirect and direct VFA effects on keratinized epithelium tissues morphology were not identical. Tegumentary biopsies may be useful as indicators of morphological alterations of ruminal mucosa.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

7

Alterações morfológicas induzidas por butirato, propionato e lactato sobre a mucosa ruminal e a epiderme de bezerros: I Aspectos histológicos/ Lactate, propionate and, butyrate induced morphological alterations on calf ruminal mucosa and epidermis: I Histologycals aspects

Costa, S.F.; Pereira, M.N.; Melo, L.Q.; Resende Júnior, J.C.; Chaves, M.L.
2008-02-01

Resumo em português Dezessete bezerros foram utilizados para avaliar o efeito de ácidos graxos voláteis (AGV) sobre a morfologia ruminal, a epiderme do plano nasolabial, a epicera e o perioplum, e para validar a execução de biópsias tegumentares como indicadores de alterações da mucosa ruminal. Os animais receberam infusões intra-ruminal de butirato, propionato, lactato ou salina (controle) durante 37 dias. A insulina sorológica foi dosada no 22º dia experimental nos tempos de 0, 9 (mais) 0, 180 e 360 minutos em relação à infusão diária da manhã. No 89º dia de vida, após o abate, foram coletados fragmentos ruminais e epidérmicos. Todos os AGV induziram aumento proporcionalmente maior no peso do ruminorretículo que no peso do omaso, sendo o butirato aparentemente mais estimulador da massa do estômago aglandular. Embora o butirato tenha sido mais estimulador da secreção de insulina, os AGV foram incapazes de induzir ganho nas dimensões papilares. Os AGV aumentaram a proliferação celular nos epitélios do rúmen e do perioplum traseiro, contrariamente ao efeito sobre o plano nasolabial e a epicera. Os efeitos dos AGV sobre a morfologia da mucosa ruminal e de outros tecidos queratinizados sugerem que danos morfológicos no rúmen e cascos podem ter causa comum. Biópsias tegumentares podem ter utilidade como indicadores de alterações morfológicas da mucosa ruminal. Resumo em inglês The effect of butyrate, propionate, and lactate on ruminal wall, epidermis of nasolabial surface, perioplum, and epicera of 17 neonatal calves was evaluated. The experiment also aimed to validate the procedure and interpretation of tegument biopsies as indicators of ruminal mucosa alterations. Serum insulin was sampled on the 22nd day from the beginning of treatments, at 0, 90, 180, and 360 minutes after the morning infusion. After slaughtering, samples were collected fro (mais) m ruminal wall, nasolabial surface, epicera, and perioplum from face and hindquarters. All volatile fatty acids (VFA) induced greater increase in ruminal-reticulum proportionate weight than in omasum. Butyrate was a greater stimulator of non-glandular stomach growth. Although butyrate stimulated more insulin secretion, this VFA was not capable to induced gain on papillae area or height. The effect of nasolabial surface VFA infusion was the opposite to that observed in the rumen. VFA increased hind perioplum mitotic index, contrary to its effect on the nasolabial surface and epicera. VFA effects on ruminal mucosa morphology and on other keratinized tissues suggest that morphological damage on hoof and ruminal epithelium may have a common cause. Tegumentary biopsies may be useful as indicators of morphological alterations of ruminal mucosa.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

8

Anatomia e desenvolvimento ontogenético da flor de mandioca/ Anatomy and development of the manioc flower

Toledo, Antonieta Pia de
1963-01-01

Resumo em português É discutida a anatomia vascular da flor de mandioca (Manihot utilissima Pohl). O pedúnculo apresenta um cilindro contínuo de tecido vascular, do qual partem os traços das sépalas em número de dez. Cinco dêles ramificam-se alternadamente e vão constituir os feixes laterais de sépalas adjacentes. Os estames possuem um único traço vascular e cada carpelo tem três traços. Anatômicamente o ovário mostra-se formado por: uma epiderme externa, com estômatos; o par (mais) ênquima. onde se ramificam os feixes vasculares, e a epiderme interna. A antera apresenta quatro sacos polínicos. No estado de maturação dos grãos de polem, cada saco polínico é envolvido por uma epiderme unisseriada e pelo endotécio. Resumo em inglês Flower development of the manioc (Manihot utilissima Pohl) is acropetal. The early phases of cellular differentiation of the floral appendages are similar. All organs develop by anticlinal divisions of the surface layer, accompanied by periclinal divisions in the second tunica layer, and also in the outermost layer of the corpus, followed by the formation of an apical meristem. The carpels and sepals also originate from marginal initials. The vascular anatomy is described (mais) . The pedicel has a complete vascular cylinder from which ten bundles branch out to constitute the sepal traces. Five of these bundles bifurcate alternately to form the lateral bundles of adjacent sepals. The stamen has one single trace and each carpel has three traces. Anatomically the ovary is formed by an outer epidermis provided with stomata, a medium parenchymatous layer in which the vascular bundles develop, an inner epidermis. At maturity each anther exhibits four pollen sacs surrounded bv a uniseriate epidermis and a specialized endothecium with secondary thickness.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

9

Morfologia e anatomia da flor de Pilocarpus pennatifolius Lem. (Rutaceae)/ Floral morphology and anatomy of Pilocarpus pennatifolius Lem. (Rutaceae)

Souza, Luiz A.; Mourão, Kátia S.M.; Moscheta, Ismar S.; Rosa, Sônia M.
2003-06-01

Resumo em português Pilocarpus pennatifolius Lem. (Rutaceae) apresenta flores actinomorfas, diclamídeas, nectaríferas e monoclinas, reunidas em cacho pendente. Apresenta antese basípeta na inflorescência e preferencialmente noturna. A flor possui cinco estames com anteras tetrasporangiadas, cuja parede é constituída de epiderme, endotécio, duas camadas médias e tapete binucleado; o conectivo mostra epiderme estomatífera. O gineceu é unipistilado e composto por cinco carpelos unidos (mais) na região basal do ovário e no estilete e estigma. O estilete é curto e sólido e o estigma tem epiderme papilosa. O rudimento seminal (óvulo) é hemítropo, bitegumentado, crassinucelado e provido de hipóstase e possui obturador de origem funicular. O nectário envolve completamente a base do ovário. Cada sépala recebe três traços vasculares e as pétalas e estames apenas um; cada carpelo recebe um feixe vascular dorsal e dois ventrais, que mantêm individualidade em todo seu curso. Resumo em inglês Pilocarpus pennatifolius Lem. (Rutaceae) presents actinomorphics, dichlamydeous, nectariferous and monoclinous flowers, disposed in pendulous racemes. The anthesis is basipetal in the inflorescence and it is preferentially nocturne. The flower presents five stamens with tetrasporangiate anthers. The anther wall presents epidermis, endothecium, two middle layers and binucleate tapetum; the connective shows epidermis with stomata. The unipistilate gynoecium and compound by (mais) five carpels, which are joined at the base of the ovary and at the style and stigma. The style is short and solid and the stigma presents a papilose epidermis. The hemitropous, bitegmic and crassinucelate ovule presents a hypostasis and an obturator, which arises from funicle. The nectary surrounds completely the ovary base. Each sepal receives three vascular traces and the petals and stamens one trace. Each carpel receives a dorsal vascular bundle and two vascular ventral bundles that maintain their individuality throughout their course.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

10

Estudo comparativo morfofuncional de melanócitos em lesões de melasma/ Morphological and functional comparative study of melanocytes in melasma lesions

Miot, Luciane Donida Bartoli; Miot, Hélio Amante; Silva, Márcia Guimarães da; Marques, Mariângela Esther Alencar
2007-12-01

Resumo em português FUNDAMENTOS - Melasma é hipermelanose comum caracterizada por máculas acastanhadas em áreas fotoexpostas, cuja fisiopatogenia não é totalmente esclarecida. OBJETIVOS - Caracterizar e comparar morfologica e funcionalmente os melanócitos da epiderme sã com os da pele afetada por melasma. MÉTODOS - Avaliaram-se 12 pacientes portadores de melasma facial, sendo realizadas biópsias da pele lesada e pele sã adjacente. Os cortes foram corados por hematoxilina-eosina, Fo (mais) ntana-Masson, marcados pelo Melan-A e submetidos à microscopia eletrônica. A quantificação epidérmica de melanina e melanócitos foi estimada a partir de análise citomorfométrica digital. RESULTADOS - Todas as pacientes eram mulheres com média de idade 41,3±2,8 anos. Ao Fontana-Masson evidenciou-se importante aumento da melanina epidérmica na pele lesada em relação à pele sã. A marcação pelo Melan-A demonstrou melanócitos maiores com dendritos proeminentes na pele lesada. Observou-se maior densidade de melanina epidérmica na pele lesada, e a análise digital do número de melanócitos da epiderme não demonstrou diferença significativa entre pele lesada e sã. À microscopia eletrônica, observaram-se número aumentado de melanossomas maduros nos ceratinócitos e melanócitos com organelas citoplasmáticas proeminentes na pele lesada. CONCLUSÕES - Melanogênese aumentada na epiderme com melasma em relação à epiderme normal adjacente. Resumo em inglês BACKGROUND - Melasma is a common hypermelanosis characterized by symmetric brownish macules on photoexposed areas, most frequently on the face of women. Its pathophysiology is still unknown. OBJECTIVES - To morphologically and functionally characterize and compare melanocytes of normal skin and of melasma. METHODS - Twelve patients with facial melasma were assessed and biopsies of lesions and adjacent healthy skin were performed. The slices were stained with hematoxylin-e (mais) osin and Fontana-Masson, immunohistochemically marked for Melan-A and evaluated by electronic microscopy. Quantification of epidermal melanin and melanocytes was estimated by digital cytomorphometric analysis. RESULTS - All patients were female, mean age of 41.3±2.8 years. The Fontana-Masson staining showed an important increase in epidermal melanin as compared to normal skin. The Melan-A staining demonstrated larger and intensely marked melanocytes and more prominent dendrites in the damaged skin. Greater epidermal melanin density was observed in melasma lesions and the digital analysis of number of epidermal melanocytes did not show a significant difference between damaged and normal skin. Electronic microscopy analysis revealed an increased number of mature melanosomes in keratinocytes and melanocytes, with marked cytoplasmic organelles in melasma skin. CONCLUSIONS - Melanogenesis is increased on melasma epidermis as compared to adjacent normal skin.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

11

Caracterização morfoanatômica de Ageratum fastigiatum (Asteraceae)/ Morpho-anatomical characterization of Ageratum fastigiatum (Asteraceae)

Del-Vechio-Vieira, Glauciemar; Barbosa, Max V. D.; Lopes, Bruno C.; Sousa, Orlando V.; Santiago-Fernandes, Lygia D. R.; Esteves, Roberto L.; Kaplan, Maria A. C.
2008-12-01

Resumo em português Ageratum fastigiatum (Gardn.) R. M. King et H. Rob. (Asteraceae), conhecido como "matapasto", é uma planta usada na medicina popular como cicatrizante e antimicrobiano. O objetivo deste trabalho foi realizar caracterização morfoanatômica da folha, dos ramos e da raiz de A. fastigiatum. Secções transversais e paradérmicas, coradas com safranina/azul de astra e azul de toluidina foram analisadas ao microscópio. As folhas são alternas ou fasciculadas; a inflorescên (mais) cia é constituída de capítulos; as flores com corola lilás; ausência de pápus. A raiz apresenta crescimento secundário na zona de ramificação com estruturas secretoras. O caule possui epiderme uniestratificada, estômatos, tricomas tectores simples e tricomas glandulares capitados. O pecíolo exibe contorno côncavo-convexo e a epiderme é unisseriada. A lâmina foliar é anfiestomática e o mesófilo dorsiventral. A epiderme possui células de contorno sinuoso e os estômatos são do tipo anomocítico. Os caracteres morfoanatômicos permitiram estabelecer parâmetros para identificação do A. fastigiatum. Resumo em inglês Ageratum fastigiatum (Gardn.) R. M. King et H. Rob. (Asteraceae), known as "matapasto", is a plant used in the popular medicine as cicatrizant and antimicrobial. The aim of this work was to perform a morpho-anatomical characterization of the leaves, the stems and the roots from A. fastigiatum. Transversal and paradermic sections, stained with astra safranin/blue and toluidine blue were analyzed under a microscope. The leaves are alternate or fasciculate; the inflorescence (mais) is constituted of chapters; the flowers with lilac corolla; papus is absence. The root presents secondary growth in the ramification area with secretor structures. The stem possesses epidermis unistratified, stomata, simple non-glandular trichomes and capitates glandular trichomes. The petiole exhibits concave-convex outline and the epidermis is uniseriate. The blade leaf is hypostomatic; the mesophyll is dorsiventral. The epidermis possesses cells of sinuous outline and the stomata of the anomocytic type. The morpho-anatomical characters allowed establishing parameters for identification of A. fastigiatum.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

12

Hemangioma verrucoso/ Verrucous hemangioma

França, Emmanuel Rodrigues de; Gurgel, Aldejane; Campos, Trícia; Souza, Juliana de A.; França, Kelly; Azevedo, Renata
2006-10-01

Resumo em português O hemangioma verrucoso é malformação vascular, incomum, caracterizada por dilatação e proliferação vascular na derme e no subcutâneo com alterações reativas da epiderme. Os autores relatam um caso de hemangioma verrucoso fazendo breve revisão de seus aspectos clínicos, histopatológicos e terapêuticos. Resumo em inglês Verrucous Hemangioma is an uncommon vascular malformation, characterized by vascular proliferation and dilation from dermis to subcutaneous tissue, and proliferative reaction of the epidermis. The authors report a case of verrucous hemangioma, making a brief review of its clinical, histopathological and therapeutic aspects.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

13

Anatomia das folhas, brácteas e escapos de Actinocephalus (Koern.) Sano (Eriocaulaceae)/ Anatomy of the leaves, bracts and scapes of Actinocephalus (Koern.) Sano (Eriocaulaceae)

Oriani, Aline; Scatena, Vera Lucia; Sano, Paulo Takeo
2005-06-01

Resumo em português Estudou-se a anatomia das folhas, brácteas e escapos de 20 espécies (41 espécimes) de Actinocephalus, que ocorrem nos campos rupestres do Brasil, visando caracterizar anatomicamente o novo gênero proposto para a família, além de elucidar alguns aspectos ecológicos do grupo. As folhas e as brácteas são anatomicamente semelhantes entre si e apresentam epiderme unisseriada, com células alongadas no sentido longitudinal; estômatos na face abaxial, com câmaras sube (mais) stomáticas; parênquima clorofiliano frouxo; feixes vasculares colaterais envolvidos por bainha dupla e extensão de bainha dos feixes constituída por células parenquimáticas alongadas. Os escapos apresentam epiderme unisseriada; câmaras subestomáticas; parênquima clorofiliano frouxo; endoderme descontínua; periciclo sinuoso e feixes vasculares colaterais. A presença de células alongadas tanto na epiderme como nas extensões de bainha dos feixes vasculares nas folhas e nas brácteas, assim como endoderme descontínua nos escapos e câmara subestomática nos três órgãos estudados são caracteres consistentes para o gênero. As características anatômicas dos órgãos estudados são mesomórficas. Resumo em inglês The anatomy of the leaves, bracts and scapes of 20 species (41 specimens) of Actinocephalus from the "campos rupestres" of Brazil were studied. Our aim was the characterization of this new genus in an anatomical basis, besides elucidating some ecological aspects of the group. The leaves and bracts are similar, presenting an uniseriate epidermis, with elongated cells in longitudinal orientation; stomata on the abaxial surface, with substomatal chambers; loosely aggregated (mais) chlorenchyma; collateral vascular bundles enclosed in a double sheath, and parenchymatous bundles sheath extensions. The scapes present an uniseriate epidermis; substomatal chambers; loosely aggregated chlorenchyma; discontinuous endodermis; sinuous pericycle and collateral vascular bundles. The presence of elongated cells in longitudinal orientation in the epidermis as well as in the vascular bundles sheath extensions in the leaves and bracts, besides discontinuous endodermis in the scapes and substomatal chambers in the three organs studied are consistent characters for the genus. The anatomical characteristics of the organs studied are mesomorphic.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

14

Caracterização morfoanatômica de folhas e caules de Microlicia hatschbachii Wurdack, Melastomataceae

Cassiano, Dayse Santos Almeida; Branco, Alexsandro; Silva, Tânia Regina dos Santos; Santos, Andrea Karla Almeida dos
2010-09-01

Resumo em português Este trabalho apresenta o estudo morfoanatômico das folhas e caules de Microlicia hatschbachii Wurdack, Melastomataceae. Esta espécie possui folhas elípticas a oval-elípticas, margem inteira, ápice agudo e base simétrica e arredondada. A lâmina foliar é anfiestomática, com estômatos do tipo anisocítico e anomocítico, a epiderme é uniestratificada, com células isodiamétricas em secção transversal, e presença de inúmeros tricomas glandulares. O mesofilo � (mais) � do tipo isobilateral com feixe vascular bicolateral envolvido por algumas células esclerenquimáticas na nervura central. O caule tem secção quadrangular a circular e epiderme unisseriada, com tricomas similares aos da folha. Drusas de oxalato de cálcio foram encontradas nas folhas e no caule. Resumo em inglês This work shows the morpho-anatomical study of leaf and stem of Microlicia hatschbachii Wurdack (Melastomataceae). Its leaves are elliptic to oval-elliptic, with entire margin, acute apex and rounded symmetrical base. The leaf blade is amphistomatical with anisocytic and anomocytic stomata, in transection the epidermis is uniseriate with isodiametric cells and presence of several glandular trichomes. The mesophyll is isobilateral with bicollateral vascular bundles surroun (mais) ded by some sclerenchymatic cells in midrib. The stem has a quadrangular to circular transection and uniseriate epidermis with trichomes like ones of leaf. Several druses of calcium oxalate are found in the leaf and stem.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

15

Conservação pós-colheita de frutos de araçá-vermelho em função do estádio de maturação e temperatura de armazenamento/ Post harvest preservation of red strawberry-guavas as affected by maturity stage and storage temperature

Drehmer, Amanda Maria Furtado; Amarante, Cassandro Vidal Talamini do
2008-06-01

Resumo em português O presente trabalho objetivou estudar os efeitos do estádio de maturação e temperatura de armazenamento sobre a fisiologia de araçá-vermelho. Frutos colhidos nos estádios de maturação verde (coloração vermelha da epiderme 50%) foram armazenados nas temperaturas de 0; 5; 10; 20 e 30ºC (UR de 85-90%) para a quantificação das taxas respiratórias e alterações na coloração da epiderme (L='lightness' e hº=â (mais) ngulo 'hue'). Houve aumento substancial na taxa respiratória com o aumento na temperatura de armazenamento de 0 a 30ºC, com Q10 @ 2,7. Frutos colhidos no estádio de maturação verde apresentaram, em relação a frutos colhidos no estádio maduro, sensível redução na qualidade, caracterizada pelo menor teor de sólidos solúveis e maior acidez, porém melhor retenção de firmeza e de coloração da epiderme (com menor alteração na coloração de verde para vermelho), especialmente quando armazenados a 0ºC, e menor incidência de podridões. Frutos de araçá-vermelho devem ser colhidos no estádio maduro e imediatamente armazenados a temperaturas próximas de 0ºC, visando a prolongar a sua conservação, já que apresentam elevadas taxas respiratórias e rápido amadurecimento à temperatura ambiente (20ºC). Resumo em inglês This research was carried out to study the effects of fruit maturity and storage temperature on the physiology of the red strawberry-guavas. Fruits were harvested on green maturity stages (50% of epidermis surface with red color) stages, stored at 0, 5, 10, 20, and 30ºC (RH of 85-90%) to be assessed in terms of respiration rates and skin color alterations (L=lightness; and hº=hue angle). There was a substantial incre (mais) ase in the respiration rate with the increase of storage temperature from 0 to 30ºC, with a Q10 @ 2.7. Fruits harvested at green maturity stage showed, in comparison to fruit harvested at mature stage, quite decrease in the quality, characterized by lower soluble solids content and higher titratable acidity, but better firmness and green color retention (lower changes from green to red color), specially for fruits stored at 0ºC, and lower incidence of decay. These results show that red strawberry-guavas have high respiratory rates and accelerated ripening process at room temperatures (20ºC). Therefore, it is recommended fruit harvesting at the mature stage and its immediate storage at temperatures close to 0ºC for the best post harvest conservation.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

16

Caracterização anatômica, química e antibacteriana de folhas de Brunfelsia uniflora (manacá) presentes na Mata Atlântica/ Anatomical, chemical and antibacterial characterization of leaves of Brunfelsia uniflora (manacá) in the Atlantic Rainforest (Mata Atlântica)

Martins, Maria Bernadete Gonçalves; Graf, Rebeca de René; Cavalheiro, Alberto J.; Rodrigues, Selma D.
2009-03-01

Resumo em português Brunfelsia uniflora é uma espécie pertencente à família Solanaceae conhecida popularmente como manacá e empregada em medicina popular, suas folhas são empregadas contra artrite, reumatismo, sífilis, picadas de cobra, febre amarela, e ainda como diurética e antitérmica. Objetivou-se realizar um estudo anatômico foliar, através de microscopia de luz e de eletrônica de varredura, bem como análises químicas do extrato foliar através de cromatografia e testes mi (mais) crobiológicos com os extratos foliares para atividade antibacteriana frente a Escherichia coli e Staphylococcus aureus. O material biológico foi coletado em área de Mata Atlântica, nas proximidades da cidade de São Vicente - SP. O estudo da anatomia foliar de Brunfelsia uniflora, evidenciou parênquima paliçádico com duas camadas celulares e o parênquima lacunoso com seis camadas de células; foi observada grande quantidade de drusas no parênquima clorofiliano e predominância de esclerênquima na região da nervura central da folha. A epiderme abaxial apresentou grande quantidade de estômatos, sendo estes quase que ausentes na epiderme adaxial. Estudos através de microscopia eletrônica de varredura permitiram evidenciar uma camada de cera epicuticular ornamental bem característica na epiderme adaxial da folha, predominância de estômatos paracíticos, presença de tricomas capitados e muitos tricomas peltados na epiderme abaxial da folha. A análise química evidenciou alguns picos nos cromatogramas que correspondem a grupos de substâncias que não puderam ser analisadas de forma qualitativa, mas que se pode inferir a ocorrência de derivados de ácido cafeico. Os testes microbiológicos obtidos apresentaram resultados negativos no controle das espécies de bactérias testadas, nas concentrações utilizadas. Resumo em inglês Brunfelsia uniflora is a species that belongs to the family Solanaceae, popularly known as manacá. In popular medicine the leaves are used for arthritis, rheumatism, syphilis, snake bites, yellow fever, and even as a diuretic and anti-thermal. The main objective of this work was the anatomical study through optical and electronic scanning microscopy, chemical analysis and microbiological tests using Escherichia coli and Staphylococcus aureus and Brunfelsia uniflora leave (mais) s extracts. The plants were collected in the Atlantic Rainforest (Mata Atlântica), nearby the city of São Vicente, SP. Brunfelsia uniflora presented palisade parenchyma with two cellular layers and lacunary parenchyma with six cellular layers; large quantities of crystals in mesophyll and sclerenchyma were observed. The lower epidermis presented large quantities of stomata while they were almost absent in the adaxial epidermis. The electronic scanning microscopy showed the presence of paracitic stomata, a waxy layer ornamented in the adaxial epidermis as well as the presence of few trichomes in the central vein region in the abaxial surface. However, in the vein region the trichomes were absent. A chemical analysis showed evidence of some spectral peaks concerning the occurrence of caffeic acid derivatives. The microbiological tests presented negative results for the two species of bacteria.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

17

Caracteres anatômicos de folha e caule de Calea uniflora Less., Asteraceae/ Anatomical characters of the leaf and stem of Calea uniflora Less., Asteraceae

Budel, Jane M.; Duarte, Márcia R.; Farago, Paulo V.; Takeda, Inês J.M.
2006-03-01

Resumo em português Diversas espécies de Calea são utilizadas como medicinais e vários estudos químicos têm sido conduzidos para identificar compostos relevantes no gênero, no entanto, poucos enfocam aspectos morfoanatômicos. Este trabalho tem por objetivo caracterizar morfologicamente a folha e o caule de Calea uniflora Less., a fim de fornecer subsídios para a identificação da espécie. O material foi submetido às microtécnicas fotônica e eletrônica de varredura usuais. A lâ (mais) mina foliar possui epiderme uniestratificada revestida por cutícula delgada e estriada. Em ambas as faces, ocorrem estômatos anomocíticos e anisocíticos, além de tricomas glandulares e tectores. Estes são pluricelulares e unisseriados, com ápice agudo. Os glandulares podem ser pluricelulares e plurisseriados ou capitados e inseridos em depressão na epiderme. O mesofilo é isobilateral e a nervura central é biconvexa, sendo percorrida por um feixe vascular colateral. O caule mostra secção circular e epiderme unisseriada, com tricomas similares aos da folha. Colênquima angular e clorênquima alternam-se no córtex, fibras perivasculares apõem-se ao floema, o arranjo vascular é colateral e a medula compõe-se de células parenquimáticas. Dutos secretores acompanham o sistema vascular na folha e no caule. Resumo em inglês Various species of Calea are considered medicinal and several investigations have been carried out to identify relevant chemical substances in the genus, however, few studies have dealt with morpho-anatomical aspects. This work aimed to analyse the morphological characters of the leaf and stem of Calea uniflora Less., in order to contribute for the species identification. The plant material was prepared according to usual light and scanning microtechniques. The blade has (mais) uniseriate epidermis coated with thin and striate cuticle. Anomocytic and anisocytic stomata are seen on both surfaces, as well as glandular and non-glandular trichomes. The latter is pluricellular and uniseriate, with acute apex. The glandular trichomes are pluricellular and multiseriate or capitate and located in epidermal depression. The mesophyll is isobilateral, and the midrib is biconvex and traversed by a collateral vascular bundle. The stem shows circular transection and uniseriate epidermis, with trichomes similar to the leaf. Angular collenchyma and chlorenchyma alternate in the cortex, perivascular fibres adjoin the phloem, the vascular arrangement is collateral and the pith consists of parenchymatic cells. Secretory ducts are associated with the vascular system of the leaf and stem.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

18

Estudo quantitativo das células de Langerhans em carcinomas basocelulares com maior e menor potencial de agressividade local/ Quantitative study of Langerhans cells in basal cell carcinoma with higher or lower potential of local aggressiveness

Santos, Itamar; Mello, Roberto José Vieira de; Santos, Itamar Belo dos; Santos, Reginaldo Alves dos
2010-04-01

Resumo em português FUNDAMENTOS - O carcinoma basocelular localiza-se principalmente em áreas expostas ao sol, apresentando formas clínicas e histológicas diferentes, algumas com grande e outras com pequena agressividade local. Células de Langerhans participam ativamente do sistema imune da pele. OBJETIVO - Avaliar quantitativamente as células de Langerhans sobrepostas aos carcinomas basocelulares de maior e menor potencial de agressividade local, assim como nas respectivas epidermes s� (mais) �s adjacentes. MÉTODOS - Dois grupos com 14 preparações histológicas cada. No primeiro, carcinoma basocelular de menor potencial de agressividade local e, no segundo, carcinoma basocelular de maior potencial. Empregou-se a imunoistoquímica com proteína S100 para identificação das células de Langerhans. Utilizando microscópio óptico em aumento de 400 vezes e a grade morfométrica de Weibel, foram contadas as células de Langerhans presentes em sete campos, obtendo-se a média em cada lâmina. Foi utilizado teste estatístico de Wilcoxon para análise estatística. RESULTADOS - No grupo de menor potencial de agressividade local, na epiderme sã adjacente houve aumento significativo no número de células de Langerhans comparado ao da epiderme sobreposta ao carcinoma basocelular (p d 0,05). No grupo de maior potencial de agressividade local, não houve diferença com significado estatístico (p > 0,05). CONCLUSÃO - O maior número de células de Langerhans na epiderme sã vizinha à lesão tumoral de menor potencial de agressividade local poderia representar uma maior resistência imunológica da epiderme, limitando a agressividade da neoplasia. Resumo em inglês BACKGROUNDS - Basal cell carcinoma affects areas of the body that have been exposed to the sun, and this disorder has different clinical and histopathologic presentations. Some of these forms have a higher potential of local aggressiveness, while others have a lower potential. Langerhans cells actively participate in the skin immune system. OBJECTIVES - To quantitatively evaluate the number of Langerhans cells on the epidermis of basal cell carcinoma with lower and higher (mais) potential of local aggressiveness and on adjacent normal epidermis. METHODOLOGY - The authors divided the sample into two groups with 14 histological slides each: one with basal cell carcinoma with lower potential of local aggressiveness and the other with basal cell carcinoma with higher potential of local aggressiveness. Immunohistochemistry with S-100 protein was used in the identification of Langerhans Cells. Langerhans cells present in 7 microscopic fields were counted using optical microscopy (400X magnification) and Weibel's morphometric grade. The mean for each lamina was obtained. Wilcoxon's statistical test was employed. RESULTS - In the group with lower potential of local aggressiveness, there was a significant increase in the number of Langerhans cells in the adjacent normal epidermis, as compared with the number of cells in the epidermis superposed to the basal cell carcinoma (pd 0.05). There was no significant statistical difference in the group with higher potential of local aggressiveness (p >0.05). CONCLUSION - The higher number of Langerhans cells in the normal epidermis adjacent to the tumoral lesion with lower potential of local aggressiveness could indicate greater immunological resistance of the epidermis, thus limiting the aggressiveness of the neoplasm.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

19

Ocorrência de Amrineus cocofolius Flechtmann (Prostigmata: Eriophyidae) em frutos de coqueiro (Cocos nucifera L.) em Cuba/ Occurrence of Amrineus cocofolius Flechtmann (Prostigmata: Eriophyidae) in coconut fruits (Cocos nucifera L.) in Cuba

Cabrera, Reinaldo I.; Cao, Josefina; Navia, Denise; González, Caridad; Cueto, Jorge R.; Torres, Miguel
2007-06-01

Resumo em português A presença do ácaro eriofiídeo Amrineus cocofolius Flechtmann foi constatada em associação com bandas necróticas equatoriais na epiderme dos frutos de coqueiros, em diferentes plantações nas províncias de La Habana, Granma e Guantánamo, Cuba, de fevereiro de 2003 a março de 2004. Resumo em inglês The presence of the eriophyid mite, Amrineus cocofolius Flechtmann, was confirmed in association with equatorial necrotic bands on the coconut fruit epidermis, in different growth areas in the Provinces of La Habana, Granma y Guantánamo, Cuba, from February 2003 to March 2004.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

20

Anatomia comparativa de folhas e caules de Axonopus scoparius (Flügge) Kuhlm. e Axonopus fissifolius (Raddi) Kuhlm. (Poaceae)/ Comparative anatomy of leaves and stems of Axonopus scoparius (Flügge) Kuhlm. and Axonopus fissifolius (Raddi) Kuhlm. (Poaceae)

Silva, Lenir M.; Alquini, Yedo
2003-06-01

Resumo em português Muitas espécies do gênero Axonopus são utilizadas como forrageiras de corte e pastejo no sul do Brasil. Contudo, pouco é conhecido sobre a anatomia dessas plantas. No presente trabalho foram descritas as características estruturais de folhas e caules das espécies Axonopus scoparius (Flügge) Kuhlm. e A. fissifolius (Raddi) Kuhlm. As amostras foram coletadas em Itajaí, SC e processadas para estudo histológico ao microscópio de luz e eletrônico de varredura. A est (mais) rutura Kranz foi evidenciada em ambas espécies. As espécies distinguem-se pela presença de células buliformes na epiderme da face adaxial da lâmina foliar de A. fissifolius e pela ausência destas células em A. scoparius e pela presença de tricomas longos, unicelulares na epiderme da face adaxial da lâmina foliar de A. scoparius e pela ausência destas estruturas em A. fissifolius. Resumo em inglês Several species in the genus Axonopus are commonly used as forage milk cattle to feed in southern Brazil. However, little is known about the anatomy of these plants. In this work, the structural features of leaves and stems of Axonopus scoparius (Flügge) Kuhlm. and A. fissifolius (Raddi) Kuhlm. are described. The samples were collected in Itajaí, SC and processed for light and scanning electron microscopy histological studies. The Kranz structure was found in both speci (mais) es. The speciescould be distinguished by the presence of bulliform cells in the leaf blade upper epidermis of A. fissifolius and the absence of these cells in A. scoparius and by the presence of unicellular macrohairs in the leaf blade upper epidermis of A. scoparius and the absence of these strutures in A. fissifolius.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

21

Morfologia e anatomia do fruto e da semente em desenvolvimento de Pilocarpus pennatifolius Lem. (Rutaceae)/ Morphology and anatomy of the fruit and seed in development of Pilocarpus pennatifolius Lem. (Rutaceae)

Souza, Andreza de; Mourão, Káthia S. Mathias; Souza, Luiz Antonio de
2005-12-01

Resumo em português O fruto e a semente em desenvolvimento de Pilocarpus pennatifolius foram investigados. O fruto é um esquizocarpo, com um a cinco mericarpos. O endocarpo é esclerenquimático e se origina da ação meristemática da epiderme interna do ovário. O endocarpo participa ativamente do processo de deiscência do fruto. A semente é campilótropa, bitegumentada e mesotestal. Resumo em inglês The developing fruit and seed of Pilocarpus pennatifolius were investigated. The fruit is schizocarpic with one to five mericarps. The endocarp is sclerified and originates from the inner epidermis of the ovary. The endocarp participates actively in the dehiscence of the fruit. The seed is campylotropus, bitegmic and mesotestal.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

22

Desenvolvimento do rudimento seminal em Borreria verticillata (L.) G. Mey. (Rubiaceae - Rubioideae - Spermacoceae)/ Ovule development in Borreria verticillata (L.) G. Mey. (Rubiaceae - Rubioideae - Spermacoceae)

Toni, Karen L. G. de; Mariath, Jorge E. A.
2004-03-01

Resumo em português O uso de caracteres embriológicos tem-se mostrado promissor para relacionar subfamílias, tribos, gêneros e espécies de Rubiaceae. A partir da ginosporogênese (megasporogênese) e formação do rudimento seminal (óvulo) de Borreria verticillata (L.) G. Mey. este trabalho visa enquadrar a espécie nas propostas evolutivas já existentes para Rubiaceae, além de disponibilizar informações para a taxonomia do gênero. A espécie possui ovário ínfero, bilocular e bic (mais) arpelar, com um rudimento seminal por lóculo, que, em seu desenvolvimento completo, é anátropo, unitegumentado e tenuinucelado, disposto em placentação axial. O primórdio seminal possui três camadas: dérmica, subdérmica e central. O início da formação do rudimento se dá por divisões não preferenciais da camada central. Em seguida, células derivadas da camada dérmica originam o tegumento e a epiderme nucelar. O arquespório é composto por uma a cinco células arquesporiais e a epiderme nucelar por duas a três células. Do conjunto de células arquesporiais, de uma a três se desenvolvem em células-mãe de ginósporos (células-mãe de megásporos), cuja meiose origina uma tétrade linear, sendo funcional o ginósporo (megásporo) calazal. Comparando os resultados obtidos com a literatura especializada enquadra-se B. verticillata no tipo Mitracarpus, devido à presença de remanescentes do tegumento externo, inclusão do nucelo na calaza, ao número reduzido de células alongadas na epiderme nucelar e ao incremento das células arquesporiais. Resumo em inglês The structural characteristics of the ovule formation are an important tool for the systematics of the Rubiaceae family. This paper describes the ovule ontogeny and ginosporogenesis (megasporogenesis) of Borreria verticillata (L.) G. Mey. in order to classify this species based on the evolutive diagrams proposed for the Rubiaceae family. The studied species presents an inferior, bicarpellate, bilocular ovary, with one ovule per loculus. The ovule is anatropous, unitegmic, (mais) and tenuinucellate, with axial placentation. The ovule primordia present three distinct layers of cells: dermal, subdermal and central. The integument, nucellar epidermis and ovule primordia originate respectively by divisions in the dermal, subdermal and central layers. The archesporium is constituted by one to five cells, while the nucellar epidermis has two to three cells. One to three ginospore mother cells, originated by divisions in archesporial cells, undergo meiotic divisions developing a linear tetrad. Only the chalazal ginospore remains and becomes functional. The remnant cells from the external integument, the inclusion of the nucellus in the chalaza, the occurrence of few elongated cells in the nucellar epidermis and the increased number of archesporial cells classify the ovule formation of B. verticillata in the Mitracarpus type.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

23

Diferenciação entre Egeria densa e Egeria najas pelos caracteres anatômicos foliares/ Differentiation between Egeria densa and Egeria najas by leaf anatomic characters

Rodella, R.A.; Costa, N.V.; Costa, L.D.N.C.; Martins, D.
2006-06-01

Resumo em português Dentre as plantas daninhas aquáticas imersas de maior importância nos reservatórios de usinas hidrelétricas e em represas de pequeno porte no Brasil, destacam-se as espécies Egeria densa e Egeria najas, cuja identificação pode ser difícil na fase vegetativa. O objetivo deste trabalho foi diferenciar cinco acessos de E. densa e três de E. najas, coletados nos reservatórios de Jupiá, Salto Grande, Três Irmãos, Promissão, Nova Avanhandava e Ibitinga, do complex (mais) o da Companhia Energética de São Paulo (CESP) do Estado de São Paulo, quanto às características anatômicas descritivas e quantitativas do limbo foliar, procurando-se obter melhor entendimento sobre as relações dessas estruturas anatômicas com a penetração e translocação de herbicidas, além de auxiliar na identificação de acessos suscetíveis e resistentes a determinado produto químico. Amostras do terço médio do limbo foram fixadas em FAA 50, cortadas transversalmente em micrótomo rotatório com 8 mm de espessura e coradas com azul-de-toluidina. Foi analisada a estrutura foliar e foram quantificados os caracteres anatômicos da nervura central (% epiderme das faces adaxial e abaxial, % feixe vascular e % parênquima) e da região situada entre a nervura e o bordo do limbo (% epiderme das faces adaxial e abaxial e espessura da folha). Os dados das variáveis quantitativas foram submetidos aos testes estatísticos multivariados de Análise de Agrupamento e Análise de Componentes Principais. Houve formação de três grupos principais: o primeiro foi constituído pelos três acessos de E. najas; o segundo, por quatro acessos de E. densa; e o terceiro, por apenas um acesso de E. densa. O caráter que mais contribuiu para a diferenciação entre os acessos foi a % feixe vascular da nervura central, seguido da % epiderme da face abaxial da nervura central e % epiderme das faces adaxial e abaxial da região entre a nervura e o bordo foliar. Concluiu-se que a utilização de caracteres anatômicos quantitativos permitiu auxiliar na diferenciação dos acessos e das espécies estudadas; entretanto, devem ser incrementados os estudos relacionando a estrutura anatômica com a resistência e suscetibilidade aos herbicidas. Resumo em inglês Seven leaf blade quantitative anatomic characters were used to differentiate five accesses of Egeria densa, and three accesses of Egeria najas, collected in 'Jupiá', 'Salto Grande', 'Três Irmãos', 'Promissão', 'Nova Avanhandava' and 'Ibitinga' reservoirs, in relation to leaf blade descriptive and quantitative anatomic characteristics, in order to obtain a better understanding the relations among these anatomic structures and herbicide penetration and translocation. An (mais) other objective was to provide identification of susceptible and resistant accesses to some chemical products. Leaf samples were collected, fixed in FAA 50, infiltrated in glycol metacrylate resin, cut transversally with 8 mm of thickness, and stained with toluidine blue. The following leaf anatomic middle vein characters were quantitatively evaluated (%): adaxial and abaxial epidermis, vascular bundle and parenchyma. In the region between the vein and the leaf margin, the % adaxial and abaxial epidermis and leaf thickness were evaluated. The quantitative anatomic characters of the leaf were submitted to statistic multivariate methods of Cluster Analysis and Principal Components Analysis. Results showed that three groups were formed according to similarity levels: group 1 - three accesses of E. najas; group 2 - four accesses of E. densa; group 3 - one access of E. densa. The anatomic characters with high discriminatory degree were: % vascular bundle and abaxial epidermis of middle vein, and % adaxial and abaxial epidermis of the region between the vein and leaf margin. In conclusion, it was observed that the quantitative anatomic characters were determinant in differentiating accesses and aquatic weed species; however, further studies must be conducted to relate the anatomical structures to resistance and susceptibility to herbicides.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

24

Ocorrência de Ascia monuste orseis (Lepidoptera: Pieridae) danificando mudas de Crataeva tapia/ Occurrence of Ascia monuste orseis (Lepidoptera: Pieridae) in Crataeva tapia seedlings

Pratissoli, Dirceu; Polanczyk, Ricardo Antonio; Dalvi, Leandro Pin; Cocheto, Julieder Goronci; Melo, Debora Ferreira
2007-06-01

Resumo em português O objetivo deste trabalho é comunicar a ocorrência da curuquerê-da-couve, Ascia monuste orseis (Godart) (Lepidoptera: Pieridae), causando danos a Crataeva tapia (L.) (tapiá). Mudas de tapiá, com cerca de 25cm de altura, foram severamente atacadas por lagartas da curuquerê-da-couve, que causaram 100% de desfolha, além de alimentarem-se da epiderme do caule em estrutura primária (casca), o que causou a morte de todas as mudas. Resumo em inglês This research is aimed at comunicating the occurrence of cabbage caterpillar Ascia monuste orseis (Godart) (Lepidoptera: Pieridae), causing damage to Crataeva tapia (L.) ("tapiá"). It was verified 100% of desfoliation indicating that these larvae caused severe damaged to "tapiá". Besides this, they consumed epidermis causing death of all seedlings.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

25

Estudo das folhas e caule de Hyptidendron canum(Pohl ex Benth.) Harley, Lamiaceae

Fiuza, Tatiana S.; Rezende, Maria H.; Sabóia-Morais, Simone M. T.; Tresvenzol, Leonice M. F.; Ferreira, Heleno D.; Paula, José R.
2010-05-01

Resumo em português Hyptidendron canum (Pohl ex Benth.) Harley, Lamiaceae, é utilizada popularmente como antimalárica, antiinflamatória, antiulcerativa, anti-hepatotóxica e anticancerígena. O objetivo deste trabalho foi realizar o estudo morfo-anatômico das folhas e caules e identificar as principais classes de metabólitos secundários presentes nas folhas de H. canum, dados ainda não descritos na literatura. As folhas e caules jovens coletados em Goiânia (GO) foram seccionados à m (mais) ão livre e preparados para análise microscópica. Foram realizadas reações de identificação de metabólitos secundários do material dessecado e pulverizado. Preparou-se o extrato etanólico bruto, que posteriormente foi fracionado por partição líquido-líquido com hexano, clorofórmio e acetato de etila. As frações foram submetidas à análise cromatográfica em camada delgada (CCD). As lâminas foliares apresentam epiderme adaxial constituída por células poligonais com parede reta. Na epiderme abaxial observam-se células com parede reta a ondulada e estômatos diacíticos e anisocíticos. Tricomas tectores e glandulares estão presente em ambas as faces da lâmina foliar. O pecíolo apresenta aspecto canaletado, epiderme adaxial e abaxial unisseriada. O caule, em secção transversal possui contorno em geral quadrangular, com presença de tricomas tectores e glandulares. As reações e a CCD das folhas evidenciaram a presença de flavonóides, saponinas, terpenos e lignanas. Este trabalho contribuiu para um maior conhecimento da morfo-anatomia e das classes químicas presentes em H. canum. Resumo em inglês Hyptidendron canum(Pohl ex Benth.) Harley, Lamiaceae, is popularly used as an antimalarial, anti-inflammatory, antiulcerative, antihepatotoxic and anticancer agent. The goal of this research was to perform the morphoanatomy study of H. canumleaves and stem and identify the main classes of secondary metabolites present in the of H. canumleaves. Such data have not been reported in the literature. The young leaves and stems were collected in Goiânia (GO), hand sectioned and (mais) prepared for microscope analysis. Reactions were performed for the identification of secondary metabolites of the dried and pulverized material. The crude ethanol extract was prepared and then fractioned by liquid-liquid partition with hexane, chloroform and ethyl acetate. Thin layer chromatography (TLC) analysis was performed on the fractions. The leaf blades presented adaxial epidermis constituted of polygonal cells with straight walls. On the abaxial epidermis cells with straight to wavy walls and diacytic and anisocytic stomates were noted. Non-glandular and glandular trichomes are present on both faces of the leaf blade. The petiole is grooved, and it presents single layered adaxial and abaxial epidermis. The cross section of the stem presents a generally quadrangular contour with the presence of non-glandular and glandular trichomes. The leaf reactions and TLC evidenced the presence of flavonoids, saponins, terpenes and lignanes. This works helps to increase knowledge of the morphoanatomy and the chemical classes present in H. canum.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

26

Estrutura foliar de curauá em diferentes intensidades de radiação fotossinteticamente ativa/ Leaf structure of curaua in different intensities of photosynthetically active radiation

Oliveira, Elaine Cristina Pacheco de; Lameira, Osmar Alves; Sousa, Fernanda Ilkiu Borges de; Silva, Rolf Junior Ferreira
2008-02-01

Resumo em português O objetivo deste trabalho foi caracterizar a anatomia foliar de Ananas comosus var. erectifolius e comparar as características anatômicas de suas fibras foliares, quando submetidas a dois índices de radiação fotossinteticamente ativa (54 e 100%). Para a análise das estruturas anatômicas, especialmente as fibras, foram utilizadas técnicas de dissociação da epiderme foliar, contagem do número de estômatos por milímetro quadrado, cortes histológicos e microscop (mais) ia eletrônica de varredura no material botânico fixado. A epiderme estava revestida por cutícula espessa e bem desenvolvida nas folhas nos dois índices de radiação. Nas folhas a 100% de radiação fotossinteticamente ativa, foi observado aumento de espessura nas regiões apical e basal. Foram observadas diferenças no número de camadas e altura do parênquima paliçádico e na quantidade de feixes fibrosos relativas aos índices de radiação. A quantidade de feixes fibrosos foi maior na condição de 54% do que em 100% de radiação fotossinteticamente ativa. Resumo em inglês The aim of this work was to characterize the leaf anatomy of Ananas comosus var. erectifolius and to compare the anatomical characterists of its leaf fibres, when submitted to two levels of photosynthetically active radiation (54 and 100%). For the analysis of the anatomical structures, specially the fibres, the settled botanical material was submitted to techniques of dissociation of the foliar epidermis, microscopic number of stomata per square millimeter, cuts and scan (mais) ning electron microscopy. The epidermis was coated for thick cuticle and developed well in leaves in the two intensity indexes of radiation. For leaves at 100% PAR a fast increase of thickness was observed in the apical and basal regions. Regarding the radiation levels, differences were observed in the number of layers, the height of palisade parenchyma, and in the amount of fibre beams. The amount of fibre beams was bigger at 54% than at 100% PAR.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

27

Anatomia de raízes de Actinocephalus (Koern.) Sano (Eriocaulaceae)/ Root anatomy of Actinocephalus (Koern.) Sano (Eriocaulaceae)

Scatena, Vera Lucia; Oriani, Aline; Sano, Paulo Takeo
2005-12-01

Resumo em português Estudou-se a anatomia de raízes de 27 espécimes de 13 espécies de Actinocephalus (Koern.) Sano que ocorrem nos campos rupestres brasileiros. As raízes de todos os espécimes estudados caracterizam-se por apresentar: epiderme unisseriada, com pêlos radiculares em grupos ou isolados; córtex com células isodiamétricas, com exceção daquelas localizadas mais internamente, que são menores e apresentam paredes espessadas; endoderme unisseriada, com células de paredes (mais) pouco ou totalmente espessadas, alongadas no sentido radial; periciclo formado por uma camada de células de paredes finas ou espessadas e cilindro vascular com elementos do metaxilema ocupando a posição central. A presença de córtex constituído por células isodiamétricas, sem aerênquima; epiderme e parênquima cortical com protuberâncias intracelulares associadas com fungos; são características consistentes para o gênero e corroboram a sua recente circunscrição. As raízes apresentam estruturas anatômicas semelhantes àquelas das espécies de Eriocaulaceae que ocorrem em solos secos, apesar de muitos indivíduos ocorrerem em solos úmidos, próximos a riachos. Resumo em inglês Root anatomy of 27 specimens of 13 species of Actinocephalus (Koern.) Sano were studied. All species occur in Brazilian rupestrian fields. All species present roots with uniseriate epidermis, isolated or agregated root hairs; isodiametric cortical cells, except in the innermost layers that are smaller and present thickened wall cells; uniseriate radially elongated endodermis, with parcial or totally thickened wall cells; uniseriate pericycle, with thin or thickened wall c (mais) ells; and vascular cylinder with metaxylem in central position. Cortex with isodiametric cells, without aerenchyma; epidermis and cortical parenchyma with intracellular protuberances associated with fungi; are consistent to the recent genus circunscription. Althouth a lot of species are also known for growing in damp habitats, near to small rivers, their roots present anatomical features similar to that Eriocaulaceae species that occur in dry soils.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

28

Estudo das alterações relacionadas com a idade na pele humana, utilizando métodos de histo-morfometria e autofluorescência/ Study of age-related changes in human skin using histomorphometric and autofluorescence approaches

Oriá, Reinaldo B.; Ferreira, Francisco Valdeci A.; Santana, Érika N.; Fernandes, Mariana R.; Brito, Gerly A. C.
2003-08-01

Resumo em português FUNDAMENTOS: O processo de envelhecimento tecidual é evidente nas modificações visíveis na pele, resultando em importantes implicações psicológicas para o indivíduo e crescente interesse científico. OBJETIVOS: O presente trabalho objetivou analisar as alterações da pele normal com o envelhecimento mediante estratégias de histomorfometria e autofluorescência. MÉTODOS: Foram coletadas amostras de pele do abdômen de 18 cadáveres, incluindo cinco indivíduos j (mais) ovens (menos de 20 anos), sete indivíduos com idade intermediária (20-60 anos) e seis indivíduos idosos (mais de 60 anos). Foram feitos cortes histológicos em parafina seguidos de coloração pela Hematoxilina-Eosina (H&E) e pelo tricrômio de Van Gieson-elastina. Avaliaram-se a espessura da epiderme e derme, e a superfície de contato epidermo-dérmica. Investigaram-se ainda as modificações qualitativas do aparelho colágeno-elástico, considerando sua disposição espacial na derme. Espécimes corados em H&E também foram utilizados para autofluorescência. RESULTADOS: A espessura da epiderme e derme do grupo idoso foi significativamente diminuída (p Resumo em inglês BACKGROUND: Age-related changes are easily recognized by examining the skin and lead to important psychological implications, motivating increased scientific interest. OBJECTIVES: This study aimed to analyze, by histomorphometric and autofluorescence approaches, the aged-related alterations in normal human skin. METHODS: Normal abdominal skin samples were taken from eighteen cadavers, including five young subjects (below 20 years old), seven subjects with intermediate age (mais) (20-60 years old) and six elderly subjects (over 60 years old). Paraffin-embedded sections were prepared and stained by Hematoxylin and Eosin (H&E) and Van Gieson-elastin trichrome. Afterwards, the H&E specimens were also used for autofluorescence technique. RESULTS: The thickness of elderly epidermis and dermis was reduced compared to middle-aged and young age groups (p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

29

Variação da estrutura carpelar em seis espécies de Cassiinae (Leguminosae: Caesalpinioideae)/ Structural variation of the carpel in six Cassiinae species (Leguminosae: Caesalpinioideae)

De-Paula, Orlando Cavalari; Oliveira, Denise Maria Trombert
2007-12-01

Resumo em português Estudos estruturais sobre carpelos são raros, embora de grande importância como subsídios para análises taxonômicas e filogenéticas. Este trabalho foi realizado com o objetivo de analisar morfoanatomicamente os carpelos de seis espécies da subtribo Cassiinae, grupo em que a literatura tem registrado significativa diversidade estrutural carpelar, analisando-os sob o ponto de vista evolutivo. Para tanto, os carpelos de flores em antese foram fixados e processados seg (mais) undo as técnicas de inclusão em metacrilato. Apesar de diferenças específicas serem registradas, observou-se um padrão estrutural típico das Leguminosae, especialmente em características morfológicas gerais, como: gineceu unicarpelar, unilocular, pluriovulado e estipitado, com placentação sutural e óvulos anátropos, bitegumentados e crassinucelados. A presença de epiderme na região sutural, conectando as faces abaxial e adaxial é reconhecida como caráter ancestral. Este aspecto foi verificado nas seis espécies estudadas, indicando que o fechamento do carpelo é ontogenético e que produz estrutura variável com relação à manutenção da epiderme entre as faces carpelares. Resumo em inglês Structural studies of carpels are rare, even though they are very important for taxonomic and phylogenetic analysis. The aim of this work was to analyze carpel structure of six Cassiinae species. To this end, carpels of flowers at anthesis were processed by embedding in methacrylate. Although specific differences were recorded, we observed a structural pattern that is typical of Leguminosae species, especially in overall morphology, as follows: unicarpellate, unilocular, (mais) pluriovulated and stipitate gynoecium, with sutural placentation, and anatropous, bitegmic and crassinucelate ovules. The presence of epidermis in the sutural region connecting abaxial and adaxial surfaces is recognized as an ancestral character. This aspect was verified in all six species, indicating that carpel closure is ontogenetic and produces variable structure related to the maintenance of the epidermis between carpel surfaces.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

30

Influência do plástico branco, poda verde e amino quelant®-K na qualidade de pêssegos 'Santa Áurea'/ Influence of white plastic, vegetative pruning and amino quelant-K on quality of peaches 'Santa Àurea'

Trevisan, Renato; Gonçalves, Emerson Dias; Gonçalves, Rafael da Silva; Antunes, Luis Eduardo Corrêa; Herter, Flavio Gilberto
2008-01-01

Resumo em português A qualidade das frutas é determinada por fatores relacionados ao clima, solo, cultivar, as práticas culturais adotadas, época e forma de colheita e processos de manipulação da fruta na pós-colheita. Uma das formas de melhorar esta qualidade é a utilização de práticas de manejo na pré-colheita. Assim, este trabalho teve por objetivo avaliar o efeito do plástico branco, da poda verde e do nutriente aminoquelant®-K, associado ou não ao tratamento com plástico (mais) branco e poda verde, na qualidade de pêssegos 'Santa Áurea'. Os atributos de qualidade avaliados foram: percentagem visual de vermelho, intensidade de vermelho na epiderme, determinada pelo sistema CIEL*a*b*, massa, diâmetro, firmeza de polpa, sólidos solúveis totais (SST), acidez total titulável (ATT) e relação SST/ATT. As práticas utilizadas causaram o aumento do percentual de vermelho na epiderme das frutas; o aminoquelant®-K isolado proporcionou maior acidez das frutas; a melhor relação SST/ATT foi obtida com o uso do plástico branco sob a copa e pela combinação do plástico com o nutriente aminoquelant®-K. Resumo em inglês Fruit quality is influenced by climate, soil, cultivar, orchard management, time of harvesting and fruit handling at harvest and post harvest. One way of improving the fruit quality is through cultural practices. Thus, this work had the objective of evaluating the effect of the white plastic, vegetative pruning and aminoquelant®-K, alone or the combination of the last with plastic or summer pruning, on the quality of peaches cv. Santa Aurea. The quality attributes evalua (mais) ted quality were: visual percentage of red on the fruit surface, intensity of red in the epidermis, determined by the CIEL*a*b * system, fruit mean weight, diameter and firmness, total soluble solids (TSS) content on the flesh, total titratable acidity (TTA) and the relation TSS/TTA. All the tested treatments increased the percentage of red on the fruit epidermis; the use of aminoquelant®-K, alone, resulted in greater acidity of the fruits; the best relation TSS/TTA was obtained by the use of the white plastic under the canopy and by the combination of that plastic with aminoquelant®-K.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

31

Análise histológica em tecido epitelial sadio de ratos Wistar (in vivo) irradiados com diferentes intensidades do ultrassom/ Histological analysis of healthy epithelium of Wistar rats in vivo irradiated with different intensities of therapeutic ultrasound

Bem, Daiane M. De; Maciel, Carlos D.; Zuanon, José A.; B. Neto, Carlos; Parizotto, Nivaldo A.
2010-04-01

Resumo em português CONTEXTUALIZAÇÃO: O Ultrassom (US) é um dos recursos físicos amplamente utilizado e pesquisado nos tratamentos de fisioterapia. Sabe-se que diante de uma escassa literatura sobre efeitos do US em tecidos sadios, muitos profissionais fisioterapeutas acabam realizando aplicações infundadas de métodos e parâmetros. OBJETIVO: Avaliar possíveis alterações histológicas e morfométricas do tecido sadio in vivo de ratos Wistar irradiados com diferentes intensidades de (mais) US. MÉTODOS: Trinta ratos da linhagem Wistar, distribuídos aleatoriamente em cinco grupos de seis animais cada foram tratados na região dorsal do lado direito numa área de 4cm². O lado esquerdo serviu como controle. O tratamento foi feito durante quatro dias com 2 minutos de irradiação. Verificou-se a intensidade de saída com dosímetro de precisão antes das aplicações. Analisou-se a histologia e a morfometria por meio do software Image Tool. RESULTADOS: Observou-se um discreto infiltrado inflamatório e adelgaçamento das fibras da derme, principalmente dos grupos irradiados com 1.5 e 2W/cm². Notou-se também um aumento na espessura da epiderme nas amostras dos animais irradiados. Para avaliar os resultados quantitativos, utilizou-se como análise estatística ANOVA one way e o teste post hoc de Tukey. Na espessura da epiderme, obtiveram-se diferenças significativas entre grupo controle e os grupos irradiados com 1.0, 1.5 e 2.0W/cm². CONCLUSÃO: Sob ação do US nas doses maiores houve alterações na epiderme e derme, respectivamente, o aumento da espessura e proliferação com adelgaçamento das fibras colágenas, o que alerta para possíveis implicações do uso do US em estética. Resumo em inglês BACKGROUND: Ultrasound (US) is a widely used and studied resource for physical therapy treatments. Given the scarcity of studies on the effects of US on healthy tissue, many physical therapy professionals make unfounded decisions regarding its methods and parameters of application. OBJECTIVES: The possible histological and morphometric changes in the healthy tissue of Wistar rats in vivo irradiated with different intensities of US were evaluated. METHODS: Thirty Wistar ra (mais) ts, randomly distributed among five groups of six animals each, were treated on the right side of the dorsal region, over an area of 4 cm². The left side served as a control. The treatment was applied over a four-day period, with two mins. of daily irradiation. The output intensity was checked using a precision dosimeter before the applications. Histological and morphometric analyses were performed using the Image Tool software. RESULTS: There were slight inflammatory infiltration and thinning of the dermis fibers, particularly in the groups irradiated with 1.5 and 2 W/cm². There was also thickening of the epidermis in the samples from the irradiated animals. To evaluate the quantitative results, the statistical analyses consisted of one-way ANOVAs with the post-hoc Tukey tests. There were significant differences in epidermis thicknesses between the control group and the groups irradiated with 1.0, 1.5 and 2.0 W/cm². CONCLUSIONS: Higher doses of US produced changes in the epidermis and dermis, i.e. increased thickness and collagen fiber thinning and proliferation, respectively. These results serve as a warning of the possible implications of therapeutic ultrasound use in esthetics.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

32

Morfoanatomia do sistema caulinar de Canna edulis Kerr-Gawler (Cannaceae)/ Morphology and anatomy of the shoot system of Canna edulis Kerr-Gawler (Cannaceae)

Alonso, Alexandre A.; Moraes-Dallaqua, Marina A.
2004-06-01

Resumo em português O objetivo deste trabalho foi estudar características morfológicas e anatômicas do sistema caulinar de Canna edulis. As observações morfoanatômicas, de crescimento das gemas e formação do sistema caulinar, foram efetuadas durante o ciclo vegetativo da planta. O sistema subterrâneo é formado por raízes adventícias fibrosas originadas a partir dos nós e entrenós dos rizomas. Esses órgãos orientam-se paralelamente à superfície do solo com padrão de ramific (mais) ação simpodial. As gemas apicais dos rizomas diferenciam-se em caules reprodutivos, constituídos por nós e entrenós característicos. A base desse órgão é constituída por catafilos. O caule reprodutivo é formado por epiderme unisseriada e em posição subepidérmica, nota-se a presença de células com estrias de Caspary. Os rizomas adultos são constituídos por epiderme, córtex com endoderme evidente e cilindro vascular delimitado por periciclo plurisseriado. Embora as características morfológicas do sistema caulinar dessa planta concordem com as descrições recentes aplicadas aos rizóforos, o caule subterrâneo desta espécie foi interpretado como um rizoma. Resumo em inglês The purpose of this research was to study the morpho-anatomical characteristics of the shoot system of Canna edulis. The observation of the buds and shoot system development were made during the vegetative cycle of the plant. The underground system is formed by fibrous adventitious roots originated from nodes and internodes of the rhizomes. These organs are oriented parallel to the surface of the ground, presenting a pattern of sympodial branching. The apical buds of the (mais) rhizomes are differentiated in reproductive stems, constituted by distinctive nodes and internodes. The base of this organ is constituted by cataphylls. The reproductive stem is formed by uniseriate epidermis, and in the subepidermical position there are cells with Casparian strips. The adult rhizome consists of the epidermis, cortex with a clear endodermis and vascular cylinder delimited by pluriseriate pericycle. Although the morphological characteristics of the shoot system of this plant agree with recent descriptions applied to the rhizophore, the underground stem of this species was interpreted as a rhizome.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

33

Caracterização anatômica e química da folha e do sistema radicular de Hydrocotyle umbellata (Apiaceae)/ Anatomical and chemical characterization of the leaf and root system of Hydrocotyle umbellata (Apiaceae)

Martins, Maria Bernadete Gonçalves; Marconi, Ana Paula; Cavalheiro, Alberto J.; Rodrigues, Selma D.
2008-09-01

Resumo em português A família Apiaceae (Umbelliferae), também denominada de pioneira das praias, é capaz de habitar locais de alto teor de salinidade, além de suportar a ação dos ventos e das ondas. O presente trabalho teve como objetivo o estudo da anatomia foliar e radicular e analisar constituintes químicos das folhas e do sistema radicular, caracterizando grupos químicos biologicamente ativos presentes nesses órgãos que permitam aplicações farmacológicas. O material foi cole (mais) tado na região de Proteção Ambiental Iguape, Cananéia, Peruíbe. As folhas são dorsiventrais, com epiderme unisseriada, bordo regular, parênquima paliçádico com duas a três camadas e parênquima lacunoso com oito e nove camadas de células. É anfiestomática, apresentando grandes câmaras subestomáticas com maior incidência de estômatos na epiderme abaxial. O feixe vascular é colateral apresentando células de esclerênquima em forma de meia lua ao redor do xilema e do floema. O pecíolo apresenta contorno irregular, está envolvido por colênquima em toda sua extensão e apresenta grande quantidade de canais secretores entre os feixes vasculares. O rizoma apresenta contorno irregular com variação de 10 a 15 camadas de células de parênquima constituindo o córtex. O cilindro central é constituído por feixes colaterais delimitados pela endoderme. O periciclo é sinuoso e envolve totalmente os feixes vasculares. Sob a epiderme há uma faixa contínua de colênquima. A medula é constituída de células de parênquima de parede fina. H. umbellata apresentou triterpenos, saponinas, flavonóides, compostos poliacetilênicos e leucoceramidas. Folhas e rizomas apresentaram constituintes químicos semelhantes, com diferenças apenas na intensidade dos picos, o que denota diferença quantitativa entre as substâncias presentes. O rendimento do extrato do rizoma é menor que o rendimento das folhas. Resumo em inglês The Apiaceae family (Umbelliferae), also called pioneer of beaches, is capable to inhabit areas of high salinity levels. It supports the action of the winds as well as the waves. The objectives of the present work are the study of the foliar and root anatomy and its chemical constituents, in order to find biological active agents that allow pharmacological applications. The plants were collected in an environmental protected region (Área de Proteção Ambiental de Iguape (mais) , Cananéia, Peruíbe, SP). The leaves are dorsiventral, with one cellular layer epidermis, palisade parenchyma having two or three layers and lacunary parenchyma presenting eight or nine layers of cells. The leaves are amphistomatical, presenting great substomatal chambers with bigger incidence of stomata in abaxial epidermis. The vascular bundles are collateral, presenting half moon sclerenchyma form around the xylem and the phloem. Petiole shows irregular contour, involved by collenchyma in all extension and presents great amount of secretory ducts between vascular bundles. Rhizome presents irregular contour with ten to fifteen layers of cortical parenchyma cells. The central cylinder has collateral bundles delimited by the endodermis. Pericycle is sinuate and totally involves vascular bundles. Under the epidermis there is a continuous band of collenchyma. The medulla has thin wall parenchyma cells. H. umbellata presented triterpenoids, saponins, flavonoids, poliacetylenes compounds and leucoceramides. Leaves and rhizomes presented similar chemical components, with slightly differences on spectral peaks. The yield of rhizome extract was smaller than the leaves extract.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

34

Morfologia e histoquímica da pele de ratas hipotireóideas castradas e não castradas/ Morfology and histochemistry of the skin in hypothyroid castrated and intact rats

Ferreira, E.; Serakides, R.; Nunes, V.A; Gomes, M.G.; Silva, C.M.; Ocarino, N.M.; Ribeiro, A.F.C.
2003-02-01

Resumo em português Foram estudadas as alterações cutâneas de ratas Wistar adultas castradas e não castradas, mantidas em estado hipotireóideo por 120 dias. Dois grupos eutireóideos, um castrado e outro não castrado, serviram de controle. Secções da pele abdominal ventral e torácica dorsal foram coradas pelas técnicas de HE, PAS, azul de alcian (alcian blue), picro-sirius red-luz polarizada e Verhoeff. Adelgaçamento da epiderme, atrofia de glândulas sebáceas, redução parcial (mais) ou total de fibras elásticas e do colágeno do tipo III da derme caracterizaram tanto o hipotireoidismo quanto a castração. Retardo no crescimento dos folículos pilosos e hiperceratose foram vistos apenas na deficiência dos hormônios tireoidianos, independente do estado funcional das gônadas. A associação hipotireoidismo e castração caracterizou-se por adelgaçamento da epiderme da região abdominal ventral e espessamento e aumento da celularidade na região torácica dorsal, com derme adelgaçada e desprovida de fibras elásticas e de colágeno do tipo III. Conclui-se que a deficiência dos hormônios sexuais ou tireoidianos altera todos os componentes da pele e que as lesões são agravadas na associação hipotireoidismo-castração. Resumo em inglês The cutaneous alterations of castrated and intact female Wistar rats kept under a hypothyroidism state for 120 days were studied. Two euthyroid groups, one castrated and other intact, served as controls. Ventral abdominal and dorsal thoracic skin sections were stained by HE, PAS, alcian blue, picro-sirius red-polarized light and Verhoeff. Epidermis and sebaceous glands atrophy, partial or total reduction of elastic fibrils and type III dermal collagen were observed in bot (mais) h hypothyroidism and castration. Delay in hair follicle growth and hyperkeratosis were only observed when deficiency of thyroid hormones was present, independent of gonadal function. The association of hypothyroidism and castration was characterized by ventral abdominal epidermis atrophy, thickening and hyperplasia of dorsal thoracic epidermis, dermis atrophy with loss of elastic fibrils and type III collagen. In conclusion, ovarian steroids or thyroid hormones deficiency modifies all the components of the skin and that the injuries are aggravated in the association hypothyroidism-castration.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

35

Água aquecida e radiação UV-C no controle pós-colheita de Cryptosporiopsis perennans em maçãs/ Heated water and UV-C radiation to postharvest control of Cryptosporiopsis perennans on apples

Bartnicki, Vinícius Adão; Valdebenito-Sanhueza, Rosa Maria; Amarante, Cassandro Vidal Talamini do; Castro, Luis Antônio Suita de; Rizzatti, Mara Regina; Souza, João Antônio Vargas de
2010-02-01

Resumo em português O objetivo deste trabalho foi avaliar a colonização de Cryptosporiopsis perennans na epiderme de maçãs e a eficiência da aplicação de água aquecida e radiação UV-C no controle desse patógeno. Em maçãs submetidas à inoculação de C. perennans, a colonização de lenticelas e das áreas adjacentes pelo patógeno foi avaliada por microscopia eletrônica de varredura. A sensibilidade dos conídios de C. perennans aos tratamentos foi avaliada em suspensão aquos (mais) a, às temperaturas de 28, 45, 50 e 55ºC, por 15 e 30 s, e às doses de radiação UV-C de 0,018, 0,037, 0,075, 0,150, 0,375, 0,750, 1,500 e 3,000 kJ m-2. Em maçãs submetidas à inoculação de C. perennans, foram avaliados os efeitos de 0,375, 0,750 e 1,500 kJ m-2 de radiação UV-C e da aspersão de água aquecida à 50ºC, por 15 e 30 s no controle do patógeno. O fungo produziu abundante micélio e conídios nas lenticelas e nas áreas adjacentes, na epiderme das maçãs. A água aquecida a 50ºC por 15 s e à dose de radiação de UV-C de 0,750 kJ m-2 reduzem em mais de 99% a sobrevivência de conídios. A aspersão de água aquecida a 50ºC por 15 s e à dose de radiação de UV-C de 0,375 kJ m-2, controlam C. perennans em maçãs. Resumo em inglês The objective of this work was to assess the colonization of Cryptosporiopsis perennans in the epidermis of apples and the efficiency of heated water and UV-C radiation application to control this pathogen. In apples inoculated with C. perennans, the colonization of lenticels and adjacent areas by the pathogen was observed by electronic scanning microscopy. The sensitivity of C. perennans conidia was evaluated in aqueous suspension, at temperatures of 28, 45, 50 and 55ºC (mais) for 15 and 30 s, and at UV-C radiation doses of 0.018, 0.037, 0.075, 0.150, 0.375, 0.750, 1.500 and 3.000 kJ m-2. The effects of UV-C radiation doses at 0.375, 0.750 and 1.500 kJ m-2 and heated water at 50ºC, sprayed during 15 and 30 s were evaluated for controlling C. perennans in apples inoculated with the pathogen. The fungus produced abundant mycelium and conidia in lenticels and adjacent areas on the epidermis of the apples. The heated water at 50ºC during 15 s and a 0.750 kJ m-2 UV-C radiation dose reduced conidia survival in more than 99%. Heated water sprayed at 50ºC during 15 s and a UV-C radiation dose of 0.375 kJ m-2 control C. perennans in apples.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

36

Estudo farmacobotânico comparativo de folhas de Turnera chamaedrifolia Cambess. e Turnera subulata Sm. (Turneraceae)/ Comparative and pharmacobotanical study of the leaves of Turnera chamaedrifolia Cambess. and Turnera subulata Sm. (Turneraceae)

Barbosa, Danila de Araújo; Silva, Kiriaki Nurit; Agra, Maria de Fátima
2007-09-01

Resumo em português Neste trabalho realizou-se um estudo farmacobotânico comparativo entre as folhas de Turnera chamaedrifolia Cambess. e Turnera subulata Sm. (Turneraceae), espécies cujas folhas são usadas na medicina popular. As identificações botânicas e as morfodiagnoses macroscópicas foram realizadas após estudos morfológicos. Para as morfodiagnoses microscópicas realizaram-se secções paradérmicas e transversais de folhas (lâmina e pecíolo), que foram posteriormente clari (mais) ficadas em hipoclorito (1%) e coradas com safranina hidroalcoólica e safrablue. As duas espécies compartilham o mesmo tipo de estômato, paracítico, entretanto, T. chamaedrifolia possui folhas com a epiderme hipoestomática, com células de paredes ondeadas; o mesofilo dorsiventral; e a vascularização do pecíolo com três feixes nas porções distal e mediana, e apenas um feixe na proximal. Em T. subulata a epiderme é anfi-hipoestomática, com paredes sinuosas; mesofilo isobilateral; e a vascularização do pecíolo possui um feixe na porção distal e três feixes nas porções mediana e proximal. A morfologia das estruturas vegetativas e reprodutivas associada à anatomia foliar são caracteres distintivos para estas espécies. Resumo em inglês This work is a comparative pharmacobotanical study between the leaves of Turnera chamaedrifolia Cambess. and Turnera subulata Sm. (Turneraceae), which are used in folk medicine. The botanical identifications and macroscopical morphodiagnosis were done after morphological studies. The microscopical morphodiagnosis was carried out by paradermic and transversal cuts of the leaves (blade and petiole), clarified and coloured with safranin and astrablue. The leaves of T. chamae (mais) drifolia have hypostomatics epidermis, with wavy cells walls; the mesophyll is dorsiventral; and the vascular system of the peciole has three vascular bundles in the distal and medium portions, and only one, in the proximal portion. T. subulata has amphihypostomatic epidermis, with sinuous cells walls; the mesophyll is isobilateral; and the vascular system of the petiole has only one vascular bundle in the distal portion and three in the medium and proximal portions. The vegetative and reproductive morphologies associated to the leaf anatomy constitute a set of distinctive characters for these species.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

37

Estudo farmacobotânico de folhas de Cissampelos sympodialis Eichl. (Menispermaceae)/ Pharmacobotanical study of the leaves of Cissampelos sympodialis Eichl., (Menispermaceae)

Porto, Niara Moura; Basílio, Ionaldo José Lima Diniz; Agra, Maria de Fátima
2008-03-01

Resumo em português Cissampelos sympodialis Eichl. é uma espécie empregada na medicina popular do Nordeste do Brasil, cujos estudos farmacológicos são bastantes promissores no tratamento de doenças do trato respiratório. Neste trabalho realizou-se um estudo farmacobotânico de suas folhas, com o objetivo de elaborar morfodiagnoses macroscópicas e microscópicas que auxiliem sua caracterização. Realizaram-se secções paradérmicas (lâminas) e transversais de folhas (lâmina e pecí (mais) olo), posteriormente clarificadas e coradas com safranina e safrablue, respectivamente, e observadas ao microscópio óptico. Cissampelos sympodialis caracteriza-se pelas folhas peltadas, com as lâminas deltóides, nervação actinodroma-broquidodroma, e o pecíolo espessado nas extremidades. A epiderme é hipoestomática, com células de paredes anticlinais ondeadas na face adaxial e irregularmente sinuosa a ondeada na abaxial. O mesofilo é dorsiventral e o sistema vascular do pecíolo é formado de um anel de feixes isolados colaterais. Esparsos idioblastos de cristais prismáticos foram observados no parênquima peciolar. A morfologia foliar em conjunto com a anatomia da epiderme são caracteres distintivos para Cissampelos sympodialis. Resumo em inglês Cissampelos sympodialis Eichl. is a plant species used in popular medicine in Northeast of Brazil, whose pharmacological studies are very promising in the treatment of diseases of the respiratory tract. In this work, a pharmacobotanical study of the leaves was performed with the objective to elaborate a macroscopical and microscopical morphodiagnosis to support its characterization. The microscopical morphodiagnosis was done with paradermic sections on the blades and cros (mais) s sections on the blades and petioles followed by clarification and coloring with safranin and safrablue, respectively, and examined by optical microscopy. Cissampelos sympodialis has peltate leaves with deltoid blades with actinodromous -brochidodromous nervation, and the petioles are swollen at the extremities. The epidermis is hipostomatic with anticlinal walls of epidermal cells waved in the upper surface and irregularly sinuate to wavy on the lower surface. The mesophyll is dorsiventral and the vascular system of the petiole is formed by a ring of 6-7 free collateral bundles. Sparce idioblasts of prismatic crystals in parenchyma of petiole were observed. The morphology of the leaves and the anatomy of epidermis are distinguishing characters of Cissampelos sympodialis.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

38

Caracterização morfológica de minas foliares em espécies de Melastomataceae de Mata Atlântica, PE/ Morphological characterization of leaf mines in species of Melastomataceae in Atlantic Forest, Pernambuco, Brazil

Brito-Ramos, Aretuza B; Almeida-Cortez, Jarcilene S; Alves, Marccus
2010-09-01

Resumo em português Este trabalho descreve a morfologia e a anatomia de folhas íntegras e minadas de cinco espécies de Melastomataceae, ocorrentes em um fragmento de Mata Atlântica, PE. As minas foram visualizadas em uma ou ambas as faces das folhas, possuindo padrão sinuoso ou retilíneo, distribuídas entre as nervuras ou por toda a lâmina, sendo estas características distintas para cada espécie. As folhas apresentam epiderme uniestratificada com estômatos presentes na face abaxial (mais) e tricomas dendríticos, multicelulares, estrelados e com mais de cinco ramos, em ambas ou apenas uma das faces. O mesofilo é dorsiventral e o sistema vascular em forma de arco. As larvas minadoras observadas em Miconia minutiflora (Bonpl.) DC., M. albicans (Sw.) Triana e Clidemia capitellata (Bonpl.) D. Don consomem o parênquima paliçádico e esponjoso, enquanto as de M. prasina (Sw.) DC. e M. ciliata (Rich.) DC. se alimentam do conteúdo e das paredes anticlinais das células epidérmicas, caracterizando-as como do tipo epidérmica. Entretanto, em M. minutiflora, M. albicans e C. capitellata a epiderme permaneceu intacta formando uma proteção para o minador, enquanto que em M. prasina e M. ciliata a proteção é realizada pelas paredes periclinais externas e cutícula da folha. Tecido de cicatrização foi observado ao longo das minas em M. prasina. Resumo em inglês This study describes the morphology and anatomy of whole and mined leaves of five species of Melastomataceae native to an Atlantic Forest fragment in Pernambuco, Brazil. Mines can be found on one or both sides of the leaves, with a sinuous or rectilinear pattern, and distributed between the veins or throughout the entire leaf blade. These characteristics are distinct for each species. The leaves, in cross section, have a uniseriate epidermis, stomata on the abaxial surfac (mais) e, and unbranched hairs on both or at least one side. The mesophyll is bifacial and the vascular bundle is semi-circular. The leaf-miner larvae observed in Miconia minutiflora (Bonpl.) DC., M. albicans (Sw.) Triana and Clidemia capitellata (Bonpl.) D. Don consume the palisade and spongy parenchyma, while those found in M. prasina (Sw.) DC. and M. ciliata (Rich.) DC. feed only on the anticlinal walls of epidermal cells. All of these larvae, therefore, are characterized as parenchymatic miners. In Miconia minutiflora, M. albicans and C. capitellata the epidermis remains intact and offers some protection to the miners, while in M. prasina and M. ciliata only the periclinal walls of epidermal cells and leaf cuticle remain to offer protection. Wound tissue was observed along mines in M. prasina.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

39

Organização estrutural da folha de Pimenta pseudocaryophyllus (Gomes) L.R. Landrum, Myrtaceae/ Leaf structural organization of Pimenta pseudocaryophyllus (Gomes) L.R. Landrum, Myrtaceae

Farias, Vanessa de; Rocha, Ledyane Dalgallo; Preussler, Karla Heloise; Maranho, Leila Teresinha
2009-06-01

Resumo em português Com grande distribuição no Brasil e ocorrência principalmente no cerrado, caatinga e floresta atlântica, Pimenta pseudocaryophyllus (Gomes) L.R. Landrum, que está inclusa em um dos menores gêneros de Myrtaceae, é popularmente conhecida como craveiro-do-mato, louro-cravo ou chá-de-bugre. Trata-se de uma espécie nativa e suas folhas são usadas na culinária substituindo o cravo-da-índia (Syzygium aromaticum) devido ao aroma semelhante. O estudo tem o objetivo de (mais) caracterizar anatomicamente a folha dessa espécie. Para a confecção do laminário, amostras da região mediana da folha e do pecíolo foram seccionadas em micrótomo de rotação e coradas com azul de toluidina a 1%. Em vista frontal, a epiderme é glabra na face adaxial e pilosa na face abaxial, com tricomas unicelulares. A folha é hipoestomática e os complexos estomáticos são anomocíticos. Em secção transversal, a epiderme é uniestratificada revestida por cutícula espessa e camada subepidérmica formada por 1-2 estratos celulares. O mesofilo é dorsiventral e bainha esclerenquimática envolve o feixe vascular bicolateral. Na folha e no pecíolo observam-se colênquima lacunar, flanges cuticulares, canais secretores e idioblastos contendo drusas e monocristais. Concluise que a espécie possui características freqüentes para Myrtaceae, com exceção da camada subepidérmica e flanges cuticulares, e que os resultados obtidos contribuem com novas informações que podem subsidiar estudos futuros no que se refere à identificação e delimitação do táxon. Resumo em inglês Pimenta pseudocaryophyllus (Gomes) L.R. Landrum is a native species from Brazil and occurs mainly in cerrado, caatinga and Atlantic rainforest vegetation. It is commonly known as "craveiro-do-mato", "louro-cravo" or "chá-de-bugre". It is a tree species whose leaves are used for cooking; they smell and taste like cloves (Syzygium aromaticum). This study describes the leaf anatomy of the species. The leaves were sliced with a microtome, stained with 1% toluidine blue and p (mais) repared on slides. The histological sections were from the medium section, between the edge and the midrib of the leaves The lower leaf epidermis has anomocytic stomata complexes and non-glandular coats. The epidermis is unicellular; its cells are covered by a thick cuticle. The mesophyll is dorsiventral. The bicollateral vascular bundles are sheathed. Idioblasts with druses, monocrystals and lisigenous secretory canals were found along the entire leaf blade. We conclude that leaf anatomy provides new information on the species, with structures common in leaves of Myrtaceae.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

40

Ocorrência de Argyrotaenia sphaleropa (Meyrick) (Lepidoptera: Tortricidae) danificando pêssegos na Serra Gaúcha, Rio Grande do Sul/ Occurrence of Argyrotaenia sphaleropa (Meyrick) (Lepidoptera: Tortricidae) damaging peaches in Serra Gaucha, Rio Grande do Sul, Brazil

Botton, Marcos; Bavaresco, Alvimar; Garcia, Mauro S.
2003-09-01

Resumo em português Durante a safra de 2000/2001 foi observado o ataque de Argyrotaenia sphaleropa (Meyrick) em pomares comerciais de pessegueiro na Serra Gaúcha, RS. As lagartas raspam a epiderme dos frutos, principalmente na região de inserção do pedúnculo ou em locais de contato entre folhas e frutos, depreciando-os comercialmente. As perdas na colheita, mesmo com controle químico, foram de aproximadamente 2%; porém, muitos produtores têm confundido o dano de A. sphaleropa com Grapholita molesta (Busck), empregando inseticidas de forma errônea para o controle da última. Resumo em inglês During the 2000/2001 season, the polyphagous leafroller Argyrotaenia sphaleropa (Meyrick) caused damage in commercial peach orchards, in Rio Grande do Sul, Brazil. Caterpillars scrape the fruit epidermis, mainly at the insertion of the stalk or in the junction of the leaves and fruits, depreciating them commercially. Despite conventional chemical treatments, losses were around 2%; however, many growers have mistaken the A. sphaleropa damage as caused by Grapholita molesta (Busck), and have used insecticides to control the last one.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

41

Coléteres foliares e calicinais de Temnadenia violacea (Apocynaceae, Apocynoideae): estrutura e distribuição

Martins, Fabiano Machado; Kinoshita, Luiza Sumiko; Castro, Marilia de Moraes
2010-09-01

Resumo em português (Coléteres foliares e calicinais de Temnadenia violacea (Apocynaceae, Apocynoideae): estrutura e distribuição). Este trabalho descreve a origem, estrutura e posição dos coléteres dos ápices vegetativos e florais de Temnadenia violacea (Vell.) Miers e comprova a presença de mucilagem na secreção produzida por estas estruturas. O número de coléteres foliares varia de 9 a 11 por primórdio e de 18 a 22 por nó; apenas um tem origem axilar, sendo os demais de orig (mais) em marginal. Quanto à posição, cinco coléteres são peciolares e os demais interpeciolares. Os coléteres foliares são dos tipos standard e séssil, sendo constituídos por uma porção alongada, formada por um núcleo central de células parenquimáticas, revestido por epiderme secretora em paliçada uniestratificada e cutícula delgada. Tricomas tectores e tecido vascular ocorrem apenas nos coléteres marginais distais. No ápice floral, os coléteres calicinais têm origem na base do cálice, sendo três coléteres opostos a cada uma das lacínias. Todos os coléteres calicinais possuem um núcleo central de células parenquimáticas, epiderme secretora em paliçada uniestratificada, cutícula delgada e são sésseis; o eixo parenquimático destes coléteres é destituído de vascularização e os laticíferos observados são de pequeno calibre. A mucilagem foi detectada tanto na secreção dos coléteres foliares quanto dos calicinais. Resumo em inglês (Foliar and calycine colleters of Temnadenia violacea (Apocynaceae, Apocynoideae): structure and distribution). The present work describes the origin, structure and position of the colleters on vegetative and floral apices of Temnadenia violacea (Vell.) Miers and confirms the presence of mucilage in the secretion produced by those structures. The number of foliar colleters ranges from 9 to 11 per primordium and from 18 to 22 per node; only one has an axilar origin, while (mais) the others originate along the margins. Concerning position, five of them are petiolar and the others are interpetiolar. There are two types of foliar colleters: standard and sessile, and they consist of a main body composed of a central core of elongated parenchyma cells surrounded by a secretory palisade epidermis and a thin cuticle. Tector trichomes and vascular tissue occur only on the distal marginal colleters. On the floral apices, the calycine colleters are formed at the base of the calyx, three of them opposite the sepals. All of the calycine colleters have a central core of elongated parenchyma cells, a secretory palisade epidermis, a thin cuticle, and are sessile. The calycine colleters are not vascularized and the laticifers are narrow. Mucilage was detected in the secretion of both foliar and calycine colleters.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

42

Estudo farmacobotânico das folhas de Tocoyena formosa (Cham. & Schltdl.) K.Schum. (Rubiaceae)/ Pharmacobotanical study of the leaves of Tocoyena formosa (Cham. & Schltdl.) K.Schum. (Rubiaceae)

Coelho, Victor Peçanha de Miranda; Agra, Maria de Fátima; Barbosa, Maria Regina de Vasconcellos
2006-06-01

Resumo em português Este trabalho teve como objetivo um estudo farmacobotânico das folhas de Tocoyena formosa (Cham. & Schltdl.) K. Schum., espécie usada na medicina popular do Nordeste do Brasil no tratamento das dores reumáticas. Realizaram-se estudos morfológicos para a identificação da espécie e para a morfodiagnose macroscópica. Cortes paradérmicos e transversais do pecíolo e da lâmina foliar, à mão livre, foram corados com safranina ou com uma mistura de safranina e azul d (mais) e astra para a morfodiagnose microscópica. A lâmina foliar é subcoriácea, oblongo-lanceolada a elíptica, densamente tomentosa na face abaxial. T. formosa possui folhas hipoestomáticas, com estômatos do tipo paracítico; epiderme unisseriada com células de paredes poligonais; mesofilo dorsiventral com idioblastos cristalíferos, esparsos, isolados ou aos pares, no estrato superior do parênquima paliçádico; tricomas simples são evidentes na epiderme, em ambas faces. A vascularização é formada por dois feixes assessórios na posição adaxial e um feixe central em arco com as terminações invaginadas, na porção proximal do pecíolo, ou em forma de "V-fechado" na porção distal e na nervura principal. A morfologia das estruturas vegetativas e reprodutivas associada à anatomia do mesofilo e do sistema vascular, em conjunto, são caracteres distintivos para esta espécie. Resumo em inglês This work constitutes a pharmacobotanical study of Tocoyena formosa (Cham. & Schltdl.) K. Schum., a species used in folk medicine for rheumatic pains in Northeastern Brazil. The botanical identification and macroscopical morphodiagnosis were carried out by morphological studies. The microscopical morphodiagnosis were realized byparadermic and transversal cuts of the leaves (blades and petiole) and stained with safranin or mixture of safranin and astrablue. The blade leaf (mais) is subcoriaceous and oblong-lanceolate to elliptic, densely tomentose in the abaxial surface. T. formosa has hypostomatic leaves with stomata of the paracitic type; unisseriate epidermis with polygonal cells; the mesophyll is dorsiventral and the parenchyma palisade has sparse idioblasts crystallifer, isolated or paired; trichomes simple were evident in the epidermis of both faces. The vascular system was formed by two accessories bundles in the adaxial surface and by one central vascular bundle in arc with invaginate extremities on the proximal portion of petiole, and in shape of "V-closed" on distal portion of the petiole and main vein. The vegetative and reproductive morphologies associate to the anatomy of mesophyll and vascular system constitute a set of characters distinctive for this species.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

43

Estudo farmacobotânico de partes vegetativas aéreas de Baccharis anomala DC., Asteraceae/ Pharmacobotanical study of aerial vegetative parts of Baccharis anomala DC., Asteraceae

Budel, Jane M.; Duarte, Márcia R.
2008-12-01

Resumo em português O gênero Baccharis pertence à família Asteraceae e se destaca por incluir espécies medicinais. Baccharis anomala DC., conhecida como "uva-do-mato" e "cambará-de-cipó", é utilizada popularmente como diurético e estudos fitoquímicos constataram a presença de taninos e saponinas. Este trabalho objetivou realizar estudo farmacobotânico de folha e caule dessa espécie. O material foi submetido a microtécnicas fotônica e eletrônica de varredura usuais. A lâmina f (mais) oliar possui epiderme uniestratificada revestida por cutícula delgada e estriada. Estômatos anomocíticos ocorrem somente na face abaxial. Em ambas as faces aparecem dois tipos de tricomas tectores pluricelulares unisseriados, um com ápice agudo e outro com célula apical flageliforme. O mesofilo é isobilateral e a nervura central é plano-convexa, sendo percorrida por um feixe vascular colateral. O pecíolo mostra três feixes vasculares que se dispõem em arco aberto. O caule tem secção circular e epiderme unisseriada, com tricomas similares aos da folha. Colênquima angular e clorênquima alternam-se no córtex e fibras perivasculares apõem-se ao floema. Evidencia-se uma zona cambial, cujas células formam xilema no sentido centrípeto e floema, centrifugamente, e a medula compõe-se de células parenquimáticas. Dutos secretores acompanham o sistema vascular na folha e no caule. Resumo em inglês The genus Baccharis belongs to the family Asteraceae and includes medicinal species. Baccharis anomala DC., popularly known as "uva-do-mato" and "cambará-do-cipó" in Portuguese, is used as diuretic in folk medicine and phytochemical studies have demonstrated the presence of tannins and saponins. This work has aimed at studying the macro and microscopic aspects of the leaf and stem of this species. The botanical material was prepared according to standard light and scann (mais) ing microtechniques. The leaf blade has uniseriate epidermis coated with a thin and striate cuticle. Anomocytic stomata are encountered on the abaxial surface. On both sides there are two types of non-glandular trichomes. They are multicellular and uniseriate, one type ending with an acute apical cell and the other with a flagelliform cell. The mesophyll is isobilateral and the midrib is plain-convex, being traversed by one collateral vascular bundle. The petiole shows three collateral vascular bundles arranged in open arc. The stem exhibits circular cross-section and uniseriate epidermis, with trichomes similar to those of the leaf. Angular collenchyma and chlorenchyma alternate in the cortex and perivascular fibres adjoin the phloem. The cambial zone is evident and the phloem is formed outwards and the xylem inwards. The pith is parenchymatic. Secretory ducts are associated with the vascular system in the leaf and stem.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

44

Morfo-anatomia do fruto e semente de Oenocarpus minor Mart. (Arecaceae)/ Morpho-anatomy of the fruit and seed of Oenocarpus minor Mart. (Arecaceae)

Mendonça, Maria Silvia de; Oliveira, Andréia Barroncas de; Araújo, Maria Gracimar Pacheco de; Araújo, Lídia Medina
2008-01-01

Resumo em português Foi feita a caracterização morfo-anatômica de frutos e sementes de Oenocarpus minor Mart. Frutos maduros foram coletados de vários indivíduos, em floresta densa antropizada no município de Itacoatiara, Amazonas. Foram feitas mensurações de tamanho, do peso do fruto e da semente e grau de umidade da semente. O estudo anatômico foi feito pelo método de inclusão em parafina. Foi feito um estudo complementar da análise de sais minerais do fruto pelo método de dig (mais) estão ácida. O fruto é séssil, monospérmico, variando de globoso-ovóide a elipsóide, com epicarpo fino, coriáceo e glabro, formado por uma epiderme de células cutinizadas e região subepidérmica com células taníferas de diferentes formas. Mesocarpo fibro-carnoso e oleaginoso constituído por idioblastos taníferos, freqüentemente agrupados, entre células parenquimáticas. Feixes fibrovasculares localizam-se entre o mesocarpo e o endocarpo. Endocarpo fibroso, delimitado pela epiderme locular composta de uma única camada de células esclerificadas. Semente de globosa a elipsóide, com tegumento fino, formado por várias camadas de células taníferas; com endosperma sólido e homogêneo, com células longas de paredes espessas. Embrião do tipo capitado. A análise dos componentes minerais da polpa apresenta 0,67mg/g de Ca, 0,43mg/g de Mg, 0,08mg/g de Fe, 0,02mg/g de Cu, 9,5µg/g de Zn e 0,02mg/g de Mn. Resumo em inglês The morpho-anatomical characterization of fruits and seeds of Oenocarpus minor Mart. Ripe fruits were collected from several individuals, in dense forest disturbed in the municipality of Itacoatiara, State of Amazonas. Measurements of size and weight of the fruit and seed were taken as well as the humidity degree of the seed. The anatomical study was performed by the method of paraffin inclusion. An additional study of the mineral salts analysis of the fruit was also perf (mais) ormed by the method of acid digestion. The fruit is sessile, one-seeded, varying from globular-ovoid to ellipsoid, with thin, coriaceous and glabrous epicarp, formed by an epidermis of cutinized cells and subepidermal region with tanniferous cells of different shapes. The mesocarp is fibro-fleshy and oleaginous, consisting of tanniferous idioblasts frequently grouped among parenchyma cells. Fibrovascular bundles are located between the mesocarp and the endocarp. Fibrous endocarp, delimited by the locule epidermis composed by only one layer of sclerified cells. Seed from globular to ellipsoid in shape, with thin tegument made of several layers of tanniferous cells; with solid and homogeneous endosperm, formed by long cells with thick walls. Capitate embryo. The analysis of the mineral components of the pulp presented 0.67mg/g Ca, 0.43mg/g Mg, 0.08mg/g Fe, 0.02mg/g Cu, 9.5µg/g Zn and 0.02mg/g Mn.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

45

Hiperceratose focal acral associada à hipocromia de dermatóglifos/ Focal acral hyperkeratosis with hypochromic dermatoglyphics

Cunha Filho, Roberto Rheingantz da; Almeida Jr, Hiram Larangeira de
2008-10-01

Resumo em português Hiperceratose focal acral é dermatose rara caracterizada por pápulas ceratóticas acrais que afetam preferencialmente as superfícies marginais das mãos e dos pés, pertencendo ao grupo das hiperceratoses marginais. Apresentamos variante inédita de mulher de 45 anos de idade, branca, dona-de-casa, sem história familiar, com lesões ceratóticas papulosas localizadas nos pés e hipocromia de dermatóglifos na região afetada. Histologicamente apresentou hiperortocerat (mais) ose, desnível da epiderme (degrau), acantose e hipergranulose. Os tratamentos com ceratolíticos tópicos foram ineficientes, de forma semelhante aos casos descritos na literatura atual. Resumo em inglês Focal acral hyperkeratosis is a rare condition, characterized by acral keratotic papules that preferably affect hand and foot surfaces, and are included in the spectrum of marginal papular keratodermas. We report an unpublished variant of this condition, the case of a 45-year-old Caucasian woman with acral keratotic papular lesions and hypochromic dermatoglyphics in the feet. Histological examination revealed orthohyperkeratosis, depression of the epidermis, acanthosis an (mais) d hypergranulosis. Topical treatments with keratolytics were ineffective, similarly to previously described cases.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

46

Anatomia e ultra-estrutura foliar de Cyperus maritimus Poir. (Cyperaceae): estratégias adaptativas ao ambiente de dunas litorâneas/ Leaf anatomy and ultrastructure of Cyperus maritimus Poir. (Cyperaceae): adaptive strategies for coastal dune environment

Martins, Shirley; Machado, Silvia Rodrigues; Alves, Marccus
2008-06-01

Resumo em português Foram analisados aspectos anatômicos e ultra-estruturais foliares de Cyperus maritimus Poir. visando identificar caracteres adaptativos ao ambiente de dunas litorâneas. Para isto, indivíduos ocorrentes nas dunas da Praia de Pipa, Rio Grande do Norte, Brasil, tiveram as folhas submetidas a diferentes análises: microscopia de luz, eletrônica de varredura e de transmissão. Em vista frontal, a epiderme possui tricomas unicelulares, corpos de sílica, cutícula estriada (mais) e depósitos de cera. Em secção transversal, a epiderme é unisseriada com parede periclinal externa espessa. Os estômatos são paracíticos, podendo o ostíolo estar obstruído por cera. Abaixo da face adaxial observa-se o parênquima aqüífero. Os feixes vasculares ocorrem em múltiplas fileiras, sendo as periféricas compostas por feixes de diâmetro menor que os feixes da fileira central. Foram observados caracteres relacionados à síndrome Kranz do tipo clorociperóide. Aspectos ultra-estruturais, como cloroplastos presentes na bainha do feixe, esses sem grana evidentes, entre outras características, reforçam a possível ocorrência da via C4 nesta espécie. É a primeira citação para o gênero Cyperus de cloroplasto nas celulas do tecido vascular. Neste trabalho foi possível observar vários caracteres importantes para plantas submetidas a estresse hídrico e salino, como: cera, células epidérmicas com parede periclinal externa espessada, parênquima aqüífero e síndrome Kranz. Resumo em inglês Anatomical and ultrastructural aspects of Cyperus maritimus Poir. were analyzed with the aim of identifying adaptive features for the dune environment. Collections were made at Pipa beach, Rio Grande do Norte, Brazil. Leaves were submitted to different analyses: light microscopy, scanning and transmission electron microscopy. In frontal view, the epidermis has unicellular trichomes, silica bodies, a striate cuticle and wax deposits. In transverse section, the epidermis is (mais) uniseriate with thickened outer periclinal walls. The stomata are paracitic and the pore sometimes obstructed by wax. Under the adaxial epidermis, there are several layers of aqueous parenchyma. The vascular bundles occur in multiple rows, the peripheral row having bundles with narrower diameters than the central row. Characters related to Kranz syndrome of the chlorocyperoid type were observed. Ultrastructural features support a possible C4 pathway in this species. This work is the first citation of chloroplasts in the cells of the vascular system for the genus. In this study, it was possible to observe several important features of plants submitted to water and salt stress, such as: wax, thickened outer periclinal walls of the epidermal cells, aqueous parenchyma and Kranz syndrome.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

47

Múltiplos cornos cutâneos em coxins palmares e plantares de um gato persa/ Multiple cutaneous horns on the footpads of a persian cat

Souza, Heloisa Justen Moreira de; Costa, Fernanda Vieira Amorim da; Dorigon, Otávia; Damico, Cristiane Brandão; Brito, Marilene de Farias
2010-03-01

Resumo em português Cornos cutâneos são infrequentes em gatos, principalmente em felinos jovens. Neste trabalho, é relatado um caso de um felino da raça Persa, macho, com oito meses de idade e apresentando histórico de espirros. Ao exame clínico, identificaram-se projeções corniformes originadas nos coxins palmares e plantares. A avaliação histológica de biópsia excisional demonstrou hiperqueratose densa, com numerosos queratinócitos sobre epiderme hiperplásica, não sendo iden (mais) tificado nenhum grau de malignidade. Não foi constatada a associação das lesões com a infecção pelo vírus da leucemia felina. O tratamento instituído incluiu excisão parcial mensal dos cornos cutâneos e acompanhamento clínico do animal. Resumo em inglês Cutaneous horns are seldom seen in cats, especially in young ones. A case of a Persian cat, male, eight months old, with a history of sneezes is described. During physical examination, multiple horns on the all footpads were noticed. The histopathological diagnosis of excisional biopsy was dense hyperkeratosis, with numerous keratinocytes above hyperplastic epidermis and no evidence of malignity. There was no association between the lesions and infection with leukemia virus. The treatment was mensal trimming off the cutaneous horns and clinical follow up of the animal.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

48

Caracterização morfoanatômica das folhas de Eremanthus erythropappus (DC.) MacLeisch, Asteraceae/ Leaf morpho-anatomical characterization of Eremanthus erythropappus (DC.) MacLeisch, Asteraceae

Dutra, Rafael C.; Ferraz, Sávio O.; Pimenta, Daniel S.; Sousa, Orlando V.
2010-12-01

Resumo em português Eremanthus erythropappus (DC.) MacLeisch (Asteraceae), popularmente conhecida como "candeia-da-serra", é uma espécie utilizada na medicina tradicional como cicatrizante e antimicrobiano. O objetivo do presente trabalho foi comparar o número de tricomas glandulares nas folhas jovens e adultas de E. erythropappus, assim como realizar a caracterização morfoanatômica destas folhas. Secções transversais e paradérmicas das folhas foram submetidas às microtécnicas fot (mais) ônicas e à microscopia eletrônica de varredura. A quantificação dos tricomas glandulares foi realizada em folhas jovens e adultas com auxílio de câmara clara. As folhas são alternas ou fasciculadas e a lâmina foliar possui epiderme uniestratificada, revestida por cutícula delgada e lisa e mesofilo dorsiventral. Em ambas as faces da epiderme, ocorrem estômatos predominantemente anomocíticos e tricomas glandulares inseridos em depressões. Na face abaxial observam-se numerosos tricomas tectores. O parênquima paliçádico é uniestratificado e o parênquima voltado para a face abaxial é formado por três a cinco camadas de células com disposição compacta. As folhas jovens e adultas apresentam respectivamente 21,78±5,83 e 17,80±6,69 tricomas glandulares na face adaxial. A análise morfoanatômica das folhas de E. erythropappus mostra-se um método rápido e prático para a identificação e controle de qualidade de espécies vegetais utilizadas na terapêutica. Resumo em inglês Eremanthus erythropappus (DC.) MacLeisch (Asteraceae), commonly known as 'candeia-da-serra', is a plant used in folk medicine as wound healing and antimicrobial. The aim of this study was to compare the number of glandular trichomes between the young and the mature leaves, as well as to perform the morpho-anatomical characterization of E. erythropappus leaves. Transverse and paradermal sections of the leaves were prepared according to light and scanning microtechniques fo (mais) r the morpho-anatomical characterization. The quantification of glandular trichomes on the adaxial surface of the epidermis was evaluated in young and mature leaves with camera lucida. The leaves are alternate or fasciculate and the blade has uniseriate epidermis coated with thin and smooth cuticle and dorsiventral mesophyll. There are predominantly anomocytic stomata on both surfaces, as well as glandular trichomes located in epidermal depressions. Various non-glandular trichomes are encountered on the abaxial surface. The palisade parenchyma consists of a single layer of cells and the parenchyma which is faced to the abaxial surface comprehends three to five layers of cells in compact arrangement. The young and mature leaves showed, respectively, 21.78±5.83 e 17.80±6.69 glandular trichomes on the adaxial side. The morpho-anatomical analysis of E. erythropappus leaves has proved to be a practical and rapid method for the identification and quality control of the vegetal species used for medical purposes.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

49

Avaliação da folha e do colmo de topo e base de perfilhos de três gramíneas forrageiras: 2. Anatomia/ Evaluation of top and bottom leaf and stem fractions from tiller of three forage grasses: 2. Anatomy

Queiroz, Domingos Sávio; Gomide, José Alberto; Maria, José
2000-02-01

Resumo em português RESUMO - A proporção de tecidos, o grau de correlação linear desta característica com a digestibilidade in vitro da matéria seca (DIVMS) e sua composição química foram determinadas em seções transversais das frações botânicas, lâmina e bainha foliares e colmo, amostrados no topo e na base de perfilhos de capim-elefante (Pennisetum purpureum, cv. Mott), capim-setária (Setaria anceps, cv. kazungula) e capim-jaraguá (Hyparrhenia rufa). O capim-jaraguá, com (mais) maior proporção de bainha parenquimática dos feixes (BPF) na lâmina foliar e de tecido vascular lignificado (TVL) e esclerênquima (ESC) na lâmina e bainha foliares, apresentou proporção de tecidos menos compatível à de uma forrageira de alto valor nutritivo, em comparação ao capim-elefante e capim-setária. As lâminas foliares caracterizaram-se por apresentar alta proporção de epiderme e baixa proporção de ESC, TVL e células parenquimáticas (CPA) em relação à bainha foliar e ao colmo. A proporção de ESC mostrou correlação negativa com a DIVMS da lâmina foliar de topo, do colmo e do total das frações do perfilho. A proporção de CPA correlacionou positivamente com a DIVMS da bainha foliar, r = 0,68, enquanto a proporção de TVL apresentou correlação positiva com a DIVMS, quando todas as frações do perfilho foram consideradas, r = 0,31. As proporções de BPF, TVL e ESC correlacionaram positivamente com os teores de fibra em detergente neutro e fibra em detergente ácido das forrageiras, enquanto as proporções de mesofilo e epiderme apresentaram correlação negativa. Resumo em inglês ABSTRACT - The tissue proportions, the degree of simple linear correlation of this characteristics with the in vitro dry matter disappearance (IVDMD) and their chemical composition were determined in transversal sections of the botanical fractions, leaf blades and sheath and stem sampled from the top and bottom tillers of dwarf elefantgrass (Pennisetum purpureum, Schumach cv. Mott, setariagrass (Setaria anceps, Stapf ex Massey cv. Kazungula)) and jaraguagrass (Hyparrhenia (mais) rufa, Nees Stapf). The jaraguagrass, with high percentage of parenchyma bundle sheath (PBS) in its leaf blade and lignified vascular tissue (LVT) and sclerenchyma (SCL) in the leave blades and sheath, presented a less compatible proportion of tissues with a high nutritive forage value, as compared with dwarf elefantgrass and setariagrass. The leaf blades characterized by showing higher epidermis proportion, lower proportion of SCH, LVT and parenchymal cells (PCA) in relation to leaf sheath and stem. The proportion of SCH negatively correlated with IVDMD of the leaf blade from the top of the tiller, stem, and the total tiller fractions. The proportion of PCA positively correlated with IVDMD of the leaf sheath, r = 0,68, while the proportion of LVT presented a positive correlation with IVDMD, when all tiller fractions were considered, r = 0.31. The proportions PBS, LVT and SCH positively correlated with the neutral detergent fiber and acid detergent fiber content of the forages, while the proportions of mesophyll and epidermis showed a negative correlation.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

50

Degradação in vitro de tecidos da lâmina foliar e do colmo de gramíneas forrageiras tropicais, em função do estádio de desenvolvimento/ In vitro digestion of leaf blade and stem tissues of tropical forage grasses according to stages of development

Paciullo, Domingos Sávio Campos; Gomide, José Alberto; Silva, Eldo Antônio Monteiro da; Queiroz, Domingos Sávio; Gomide, Carlos Augusto Miranda
2002-04-01

Resumo em português O experimento foi realizado com o objetivo de avaliar o efeito da idade sobre o potencial de degradação dos diferentes tecidos da lâmina foliar e do colmo de capim-braquiária (Brachiaria decumbens), capim-gordura (Melinis minutiflora) e capim-tifton 85 (Cynodon sp). Foram amostradas a 7ª (capim-braquiária e capim-gordura) e a 11ª (capim-tifton 85) lâminas foliares, no dia da exposição da lígula e 20 dias após. Por meio de observações ao microscópio foram es (mais) timadas a extensão da digestão in vitro dos tecidos da lâmina e do colmo e a redução na espessura da parede de células do esclerênquima do colmo. Lâminas foliares e segmentos de colmos jovens apresentaram maiores áreas digeridas. Permaneceram intactos os tecidos com células de parede espessada e lignificada, a bainha parenquimática dos feixes, o esclerênquima, o xilema e a epiderme do colmo. Tecidos com células de parede delgada, normalmente não-lignificada, o mesofilo, o floema e o parênquima, desapareceram completamente. O avanço na idade reduziu a digestão do mesofilo, em lâminas de capim-braquiária e capim-gordura, e do parênquima em colmos, principalmente de capim-gordura. A epiderme na lâmina foliar foi parcialmente digerida, independentemente da idade e da espécie. Embora aparentemente intactas, células esclerenquimáticas do colmo sofreram redução da espessura da parede com a incubação em líquido ruminal. A porcentagem de redução variou de 7 a 37% e a taxa de redução da espessura de 0,007 a 0,018 µm/h. Resumo em inglês A trial was carried out to evaluate the change in digestion of tropical grasses leaf and stem tissues with age. The grasses were signalgrass (Brachiaria decumbens), molassesgrass (Melinis minutiflora) and Tifton 85 bermudagrass (Cynodon sp). The 7th leaf of signalgrass and molassesgrass and the 11th leaf of bermudagrass were sampled by the time of their complete expansion (ligule exposure) and 20 days later. Segment of stem just below the sampled leaf was also sampled. Tr (mais) ansversal sections of leaf and stem were examined at the microscope before and after rumen in vitro incubation. The degree of digestion of different leaf and stem tissues, as well as the cell wall thickness of stem sclerenchyma were estimated. Leaf blade and young stems showed larger digested areas. Stem tissues with thick and lignified cell wall, the parenchyma bundle sheath, the sclerenchyma, the xylem and the epidermis were not digested. Tissues with thin non-lignified cell wall, the mesophyll, the phloem and the parenchyma were completely digested. Molassesgrass and signalgrass leaves sampled 20 days after expansion had lower mesophyll digestion in relation to their recently expanded leaves. Similarly, molassesgrass stem parenchyma digestion decreased as plant aged. Regardless of age, leaf epidermis was only partially digested. Stem sclerenchyma cell wall showed percentage reduction in thickness from 7 to 37%, after in vitro incubation. The rate of reduction in thickness varied from 0.007 to 0.018 µm/h.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

51

Diferenciação de espécies daninhas aquáticas pela análise multivariada de caracteres estruturais foliares/ Differentiation of aquatic weeds by multivariate analysis of foliar structural characters

Costa, N.V.; Rodella, R.A.; Martins, D.
2006-01-01

Resumo em português Algumas espécies de plantas aquáticas têm-se tornado problemáticas em reservatórios hidrelétricos no Brasil, devido a sua grande capacidade de reprodução. O objetivo destes trabalho foi diferenciar Brachiaria mutica, Brachiaria subquadripara, Panicum repens, Eichhornia crassipes, Heteranthera reniformis, Typha ubulata e Enhydra anagallis, utilizando-se 19 caracteres estruturais quantitativos do limbo foliar, que se relacionassem com a penetração e translocação (mais) de herbicidas. Amostras do terço médio do limbo foram fixadas em FAA 50, cortadas transversalmente em micrótomo com 8 mm de espessura e coradas com azul-de-toluidina. Foram quantificados (%) os seguintes caracteres estruturais da nervura central (NC) e da região internervural (IN): epidermes adaxial e abaxial, feixe vascular, bainha do feixe vascular, esclerênquima, parênquima e lacunas do aerênquima, além da espessura da folha, do número de estômatos e do número de tricomas nas faces adaxial e abaxial. Os 19 caracteres estruturais foram submetidos à Análise de Agrupamento e Análise de Componentes Principais. Houve a formação de três grupos principais: grupo 1 B. mutica, B. subquadripara e P. repens (Poaceae); grupo 2 E. crassipes e H. reniformis (Pontederiaceae) e E. anagallis (Asteraceae); e grupo 3 apenas T. subulata (Typhaceae). Os caracteres com maior poder discriminatório foram: porcentagem de epiderme adaxial (IN); porcentagem de epiderme abaxial; feixe vascular; bainha do feixe vascular; esclerênquima e lacunas do aerênquima (NC e IN); espessura da folha e número de estômatos das faces adaxial e abaxial. Concluiu-se que os caracteres estruturais quantitativos permitiram diferenciar essas espécies daninhas aquáticas em fase vegetativa. Resumo em inglês Some aquatic plant species have caused great damage to hydroelectric power dams in Brazil, due to their great capacity of reproduction. Nineteen quantitative structural characters of leaf blades were used to differentiate Brachiaria mutica, Brachiaria subquadripara, Panicum repens, Eichhornia crassipes, Heteranthera reniformis, Typha subulata, and Enhydra anagallis. Leaf blade samples were collected, fixed in FAA 50, infiltrated in glycol metacrylate resin, cut transversa (mais) lly with 8 mm thickness, and stained with toluidine blue. Structural characters in vein and internerval regions were quantitatively evaluated (%) for adaxial and abaxial epidermis, vascular bundle, vascular bundle sheath, esclerenchyma, parenchyma, and spongy aerenchyma. Leaf thickness, stomata and trichome number were determined at the internerval region. The quantitative structural characters of the leaf were submitted to Clusters Analysis and Principal Components Analysis. Three groups were formed according to similarity levels: group 1 - B. mutica, B. subquadripara, and P. repens (Poaceae); group 2 - E. crassipes and H. reniformis (Pontederiaceae), and E. anagallis (Asteraceae); group 3 - only for T. subulata (Typhaceae). The structural characters with high discriminatory degree were: adaxial epidermis (internerval region); abaxial epidermis, vascular bundle, vascular bundle sheath, esclerenchyma and spongy aerenchyma (middle vein and internerval region); leaf thickness; and stomata number. The quantitative structural characters allowed the differentiation of these aquatic weed species during the vegetative period.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

52

Dermatoses bolhosas auto-imunes/ Autoimmune bullous dermatoses

Cunha, Paulo R.; Barraviera, Silvia Regina C. S.
2009-04-01

Resumo em português Dermatoses bolhosas autoimunes são doenças cuja manifestação cutânea primária e fundamental consiste em vesículas e bolhas. Classificam-se conforme a localização da bolha, em intraepidérmica e subepidérmica. Os pacientes produzem autoanticorpos contra estruturas específicas da pele detectáveis por técnicas de imunofluorescência, immunobloting e Elisa. Os recentes avanços da biologia molecular e celular têm permitido conhecer esses autoantígenos, contra o (mais) s quais os pacientes se sensibilizam e que estão localizados na epiderme ou na junção dermoepidérmica. São doenças de baixa incidência, porém de elevada morbidade e por vezes letais. O objetivo deste trabalho é revisar e descrever os progressos nos conhecimentos de quatro doenças vésico-bolhosas autoimunes: pênfigo foliáceo endêmico (fogo selvagem), pênfigo vulgar, penfigóide bolhoso e dermatite herpetiforme. Resumo em inglês Autoimmune bullous dermatoses are diseases in which blisters and vesicles are the primary and fundamental types of skin lesion. Their classification is based on the location of the blister: intraepidermal and subepidermal. Patients produce autoantibodies against self-specific structures of the skin detectable by immunofluorescence techniques, immunoblotting and ELISA. Recent advances in molecular and cellular biology have brought to knowledge these self-antigens, against (mais) which patients are sensitized, and which are found in epidermis or in the dermo-epidermal junction. These are low incidence, but high morbidity diseases that may be fatal. The aim of this article is to review and describe the progress of four autoimmune vesiculobullous disorders: endemic pemphigus foliaceous (wild fire), pemphigus vulgaris, bullous pemphigoid and dermatitis herpetiformis.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

53

Anatomia foliar de microtomateiros fitocromo-mutantes e ultra-estrutura de cloroplastos/ Leaf anatomy of micro-tomato phytochrome-mutants and chloroplast ultra-structure

Melo, Hyrandir Cabral de; Castro, Evaristo Mauro de; Alves, Eduardo; Perina, Fabiano José
2011-02-01

Resumo em português Plantas fitocromo-mutantes têm sido utilizadas com o intuito de caracterizar isoladamente, dentre os demais fotorreceptores, a ação dos fitocromos sobre eventos ligados à fotomorfogênese. Raros são os estudos que relatam a ação dos fitocromos sobre aspectos estruturais, embora sejam fundamentais à compreensão do desenvolvimento das plantas. Neste trabalho, objetivou-se analisar características ultraestruturais de cloroplastos e aspectos anatômicos foliares dos (mais) microtomateiros (Solanum lycopersicum L. cv. Micro-Tom) fitocromo-mutantes aurea (subexpressa fitocromos), hp1 e atroviolacea (ambos supra-responsivos a eventos mediados por fitocromo) em plantas em estágio de floração. Observou-se que os fitocromos são responsáveis pela expressão de muitas características anatômicas da epiderme foliar, assim como do mesofilo e da ultraestrutura dos cloroplastos. Resumo em inglês Phytochrome-mutant plants have been used for phytochrome action characterization among all photoreceptors, in events of photomorphogenesis. Studies relating the phytochrome action on structural aspects, which are fundamental to the comprehension of plant development, are rare. The objective of this work was to analyze chloroplast ultra structure and leaf anatomical characteristics of micro-tomatos (Solanum lycopersicum L. cv. Micro-Tom) phytochrome-mutants aurea (sub expr (mais) ess phytochrome), hp1 and atroviolacea (both super express phytochrome events-mediated) in plants in the flowering stage. The results show that phytochromes are responsible for the expression of many characteristics of leaf epidermis, mesophyll and chloroplast ultra-structure.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

54

Microscopia eletrônica de varredura do processo infeccioso de Ramularia areola em folhas de algodoeiro/ Scanning microscopy of the infectious process of Ramularia areola on cotton leaves

Curvelo, Carmen R. S; Rodrigues, Fabrício A; Berger, Paulo G; Rezende, Dalilla C
2010-04-01

Resumo em português Este trabalho teve como objetivo estudar o processo infeccioso de Ramularia areola, agente causal da ramulária, em folhas de algodoeiro utilizando-se a microscopia eletrônica de varredura. Plantas de algodoeiro da cultivar Nu-Opal no estádio V4 foram inoculadas com uma suspensão de 1,5 × 10(5) conídios mL-1 de R. areola. Amostras de folhas foram coletadas 12 horas após a inoculação (h.a.i.) e aos 12 e 22 dias após a inoculação (d.a.i.) e preparadas para ob (mais) servação no microscópio eletrônico de varredura. A partir das 12 h.a.i. após a inoculação das plantas, conídios de R. areola germinaram sem a formação de apressório e a maioria deles produziram dois tubos germinativos que cresceram em direção aos estômatos na tentativa de penetrá-los. Aos 12 e 22 d.a.i., as hifas de R. areola colonizaram, inter e intracelularmente, o mesófilo foliar e a esporulação ocorreu através dos estômatos presentes nas faces adaxial e abaxial da epiderme foliar. Resumo em inglês This study aimed to elucidate the infectious process of Ramularia areola, the causal agent of ramularia leaf spot, on cotton leaves by using scanning microscopy. Plants from cotton cultivar Nu-Opal at growth stage V4 were inoculated with a 1.5 × 10(5) conidial suspension of R. areola. Leaf samples were collected at 12 hours after inoculation (h.a.i.) and also at 12 and 22 days after inoculation (d.a.i.) and prepared to be observed under scanning electron microscope. (mais) At 12 h.a.i., conidia of R. areola started to germinate without formation of appressoria and most of them produced two germ tubes that grew towards the stomata in an attempt to penetrate them. At 12 and 22 d.a.i., hifa of R. areola colonized, inter and intracellularly, the mesophyll cells and sporulation occurred through the stomata present on both adaxial and abaxial leaf epidermis.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

55

Evolução da anatomia radicular do milho 'Saracura' em ciclos de seleção sucessivos/ Evolution of the root anatomy of 'Saracura' maize in successive selection cycles

Pereira, Fabricio José; Castro, Evaristo Mauro de; Souza, Thiago Corrêa de; Magalhães, Paulo César
2008-12-01

Resumo em português Este trabalho teve como objetivo verificar as modificações nas características anatômicas radiculares relacionadas à hipoxia, durante 18 ciclos de seleção da variedade de milho (Zea mays) BRS 4154 Saracura, adaptada a áreas sujeitas a alagamento. A variedade BR 107 e o híbrido simples BRS 1010, suscetíveis ao alagamento, foram utilizados como controle. As diferentes cultivares foram submetidas a alagamentos intermitentes, a cada dois dias, durante dois meses. As (mais) amostras radiculares foram preparadas e analisadas em microscopiaóptica. Em relação ao grupo controle e aos ciclos anteriores de seleção, a BRS 4154 teve aumento na formação de aerênquima, diminuição do córtex, diminuição do diâmetro dos vasos, diminuição da camada subepidérmica, aumento na espessura do floema e epiderme. Os sucessivos ciclos de seleção melhoraram as características do milho 'Saracura' e sua tolerância a ambientes alagados. Resumo em inglês This work aimed to verify the modifications in the root anatomical characteristics related to hypoxia, along 18 selection cycles of the maize (Zea mays) cultivar BRS 4154 Saracura, adapted to areas subject to flooding. Cultivars not tolerant to fooding, BR 107 and the simple hybrid BRS 1010, were used as controls. The different cultivars were subjected to intermittent soil waterlogging every two days for two months. The root samples were prepared and analyzed through ligh (mais) t microscopy. Compared to the controls group and to early selection cycles, BRS 4154 had increased development of aerenchyma, decreased cortex thickness, decreased metaxylem diameter, decreased subepidermal layer, and increased epidermis and phloem thickness. The successive selection cycles improved 'Saracura' maize characteristics and its tolerance to flooding environments.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

56

Doença de Paget pigmentada do mamilo simulando melanoma cutâneo: importância da imuno-histoquímica na diferenciação dessas doenças/ Pigmented Paget's disease of the nipple mimicking cutaneous melanoma: importance of the immunohistochemical profile to differentiate between these diseases

Gabbi, Tatiana Villas Boas; Valente, Neusa Yuriko Sakai; Castro, Luiz Guilherme Martins
2006-10-01

Resumo em português A variante pigmentada da doença de Paget mamária é rara, com cerca de 12 casos relatados, e pode mimetizar clínica e histologicamente o melanoma. Como na forma clássica, em geral associa-se à neoplasia da mama acometida, com origem principalmente no carcinoma intraductal que se estende à epiderme através de ducto lactóforo. A fisiopatologia da hiperpigmentação permanece desconhecida. Relata-se o caso de paciente de 49 anos que apresentou lesão pigmentada do ma (mais) milo, suspeita de melanoma. O exame histológico não foi suficiente para confirmar o diagnóstico, sendo necessária realização de perfil imuno-histoquímico. Apesar de incomum, o diagnóstico de doença de Paget deve ser lembrado como diferencial de melanoma em lesões pigmentadas dessa região, em ambos os sexos. Resumo em inglês Pigmented mammary Paget's disease is a rare dermatosis, with approximately 12 reported cases in the literature, which can mimic cutaneous melanoma both clinically and histologically. As for classical mammary Paget's disease, the pigmented variant is associated with neoplasia of the breast, originating mainly from intraductal mammary carcinoma that extends to the epidermis of the nipple and areola through a lactiferous duct. Physiopathology of hyperpigmentation remains unk (mais) nown. We present a 49-year-old female patient who presented with a pigmented lesion of the nipple suspected of melanoma. Histological examination was not sufficient to confirm diagnosis. Immunohistochemical examination confirmed the diagnosis of Paget's disease. Although uncommon, pigmented Paget's disease must be reminded as a differential diagnosis of melanoma in pigmented lesions of the nipple, in both genders.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

57

Caracterização anatômica de órgãos vegetativos do mamoeiro/ Anatomical characterization of vegetative organs of papaya plants

Carneiro, Cláudia Elena; Cruz, Jailson Lopes
2009-06-01

Resumo em português O mamoeiro (Carica papaya L.) é uma planta cuja importância econômica cresceu bastante nos últimos anos, bem como os trabalhos científicos relacionados ao seu crescimento e à sua fisiologia. Infelizmente, foram realizados poucos trabalhos em relação à sua anatomia. Assim, o objetivo deste trabalho é caracterizar anatomicamente plantas do mamoeiro em estádios iniciais do crescimento. Esses estudos são importantes porque podem ser utilizados, principalmente, par (mais) a correlações com o crescimento e a fisiologia dessa planta. Após coletadas, amostras frescas de raiz, caule e folha foram seccionadas transversalmente à mão livre, e os cortes submetidos ao processo de coloração com safranina e azul de astra. Observou-se que a raiz apresenta estrutura hexarca e caracteriza-se como sendo não axial. A estrutura anatômica do caule, nas regiões mais maduras, assemelha-se à estrutura do pecíolo. A lâmina foliar apresenta epiderme uniestratificada com mesofilo dorsiventral, e os estômatos anomocíticos são observados na face abaxial. Resumo em inglês Papaya (Carica papaya L.) is a plant whose economic importance and scientific studies related to its growth and its physiology have greatly increased in recent years. Unfortunately, few researches in relation to its anatomy were performed. Thus, it was aimed to characterize the anatomically papaya plants in the early stages of growth. These studies are important because they can be used, mainly, for correlations with the growth and the physiology of this plant. After coll (mais) ected, the anatomical cuts of fresh root, stem and leaf were manually performed and their visualization were made through a coloration process using safranine and astra blue. The root structure is hexarc and is characterized as non-axial. The anatomical structure of the stem is similar to petiole in the mature parts. Leaf blade showed an uniestratified epidermis with dorsiventral mesophyll and anomocytic stomata were observed in the leaf abaxial surface.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

58

Anatomia foliar e caulinar de Chamaecrista trichopoda (Caesalpinioideae) e histoquímica do nectário extrafloral/ Foliar and stem anatomy of Chamaecrista trichopoda (Caesalpinioideae) and extrafloral nectary histochemistry

Francino, D.M.T.; Sant'Anna-Santos, B.F.; Silva, K.L.F.; Thadeo, M.; Meira, R.M.S.A.; Azevedo, A.A.
2006-12-01

Resumo em português Nectários são comuns dentre as Leguminosae, estando freqüentemente localizados nas folhas. Objetivou-se caracterizar anatomicamente o caule, a folha e o nectário extrafloral de Chamaecrista trichopoda, bem como investigar a natureza química do secretado do nectário dessa espécie. As amostras foram submetidas a testes histoquímicos e técnicas usuais em anatomia vegetal, sendo analisadas ao microscópio de luz e eletrônico de varredura. Os folíolos são anfiestom (mais) áticos e dorsiventrais, apresentando feixes vasculares colaterais com fibras associadas. Nas células da bainha do feixe é comum a ocorrência de monocristais. Tricomas tectores unisseriados e multicelulares ocorrem na lâmina foliar e no caule. O caule apresenta epiderme unisseriada, com três a quatro camadas de colênquima subepidérmico, seguido internamente por duas a três camadas de colênquima. Na camada mais interna do córtex destacam-se idioblastos cristalíferos contendo monocristais, o feixe vascular é delimitado por fibras e a medula é parenquimática. As características anatômicas foliares e caulinares corroboram os dados existentes para a subfamília Caesalpinioideae. O nectário situa-se na parte adaxial do pecíolo e apresenta coloração alaranjada, com o ápice formando uma concavidade, bordas levemente abauladas e pedúnculo com cerca de 1 mm de altura. É comum a ocorrência de pequenas aberturas na superfície do nectário e hifas fúngicas na fase pós-secretora. Anatomicamente, confirmou-se uma estrutura semelhante à de um nectário, o qual é vascularizado por floema e xilema; o parênquima nectarífero ocorre abaixo da epiderme que apresenta cutícula espessa. Caracteres anatômicos do nectário podem auxiliar na taxonomia do gênero. As análises histoquímicas evidenciaram o acúmulo de tanino nas células do parênquima nectarífero, que pode funcionar como uma proteção à herbivoria. Observou-se a presença de poros na superfície do nectário, que podem ser sítios preferenciais de eliminação do néctar. Entretanto, futuras análises ao microscópio eletrônico de transmissão serão fundamentais para elucidar o processo de eliminação do néctar. Resumo em inglês Nectaries are common among the Leguminosae, being frequently located in the leaves. The aim of this work was to anatomically characterize the stem, leaf and extrafloral nectary of Chamaecrista trichopoda, as well as to histochemically investigate the composition of the nectary secretion of this species. The samples were submitted to histochemical tests and usual plant anatomy techniques and analyzed through light microscope and scanning electron microscope. The leaflets a (mais) re amphistomatic, dorsiventral, with collateral bundles and present associated fibers. It is common the occurrence of monocrystals in the bundle sheath cells. Uniseriate and multicellular tector trichomes occur in foliar lamina and stem. The stem presents uniseriate epidermis. Below the epidermis, three to four layers of collenchyma are observed, followed by two to three layers of chlorenchyma. In the most internal layers of the cortex, crystalliferous idioblasts containing monocrystals are observed, and the bundle sheath is delimited by fibers and the pith is parenchymatic. The leaf and stem anatomy characteristics corroborate with the existing Caesalpinioideae subfamily data. The nectary is pedunculate, around 1mm high and located in the adaxial part of the petiole, presenting an orange-like color, with the apex forming a concavity and the borders slightly rounded. It is common the occurrence of small openings on the surface of the nectary and fungi hyphae in the post-secretory phase. Anatomically, a nectary structure was confirmed. The nectary is vascularized by phloem and xylem with the nectariferous parenchyma occurring below the epidermis, which presents a thick cuticle. Anatomic characters may help study genus taxonomy. Histochemical analyses evidence the accumulation of tannins in the cells of the nectariferous parenchyma, likely functioning as a protection against herbivore. It was observed on the nectary surface the presence of pores, which may be preferential sites of nectar elimination. However, further analyses using transmission electronic microscope are fundamental to elucidate the process of nectar elimination.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

59

Caracteres morfoanatômicos de folha e caule de Cupania vernalis Cambess., Sapindaceae/ Morpho-anatomical characters of the leaf and stem of Cupania vernalis Cambess., Sapindaceae

Mundo, Sílvia Raquel; Duarte, Márcia do Rocio
2009-06-01

Resumo em português Cupania vernalis Cambess. é uma espécie arbórea da família Sapindaceae, comumente referida como "camboatã" e empregada na medicina popular contra asma, tosses convulsivas e como antiinflamatório, febrífugo e tônico. O presente trabalho procurou contribuir para a identificação morfoanatômica dos órgãos vegetativos aéreos dessa planta medicinal com fins farmacognósticos. O material botânico foi fixado, seccionado, corado por meio de técnicas usuais ou subme (mais) tido a testes microquímicos, além de ser processado para a realização de análises em MEV. A espécie apresenta folhas compostas paripinadas, epiderme foliar uniestratificada constituída de células relativamente maiores na face adaxial, mesofilo dorsiventral e diversos feixes vasculares colaterais em arranjo cêntrico na nervura central. No caule, visualizam-se o cilindro floemático externo ao xilemático, circundado por bainha esclerenquimática, e a presença de fibras e células pétreas no córtex e na medula. Em ambos os órgãos são observados tricomas tectores e cristais de oxalato de cálcio. Resumo em inglês Cupania vernalis Cambess. is a woody species from Sapindaceae, commonly known as "camboatã" and used against asthma, coughs and as anti-inflammatory, antipyretic and tonic in folk medicine. This work has aimed to contribute to the morpho-anatomical identification of the aerial vegetative organs of this medicinal plant for pharmacognostic purposes. The botanical material was fixed, sectioned and stained with standard dyes. Microchemical tests and scanning electron microsc (mais) opy were also carried out. This species has paripinnate compound leaves, uniseriate leaf epidermis consisting of larger cells on the adaxial surface, dorsiventral mesophyll and various collateral vascular bundles in centric arrangement in the midrib. In the stem, it is encountered a phloem cylinder external to the xylem one and encircled by a sclerenchymatic sheath, as well as fibres and stone cells in the cortex and pith. Non-glandular trichomes and calcium oxalate crystals are present in the leaf and stem.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

60

Perfil e preferências do consumidor de pêssego (Prunus persica) em diferentes regiões produtoras no Rio Grande do Sul/ Profile and preferences of peach consumers in different regions of Rio Grande do Sul

Trevisan, Renato; Piana, Clause Fátima de Brum; Treptow, Rosa de Oliveira; Gonçalves, Emerson Dias; Antunes, Luis Eduardo Corrêa
2010-03-01

Resumo em português Entender a qualidade percebida pelo consumidor é fundamental para aquele que deseja não apenas produzir frutas, mas também comercializá-las. Além disso, conhecer o consumidor e seus hábitos contribui no adequado planejamento de ações nos diversos segmentos da cadeia produtiva. Procurou-se verificar o perfil e a preferência dos consumidores de pêssego in natura, em três cidades do Rio Grande do Sul. A partir das respostas ao questionário aplicado, traçou-se se (mais) u perfil quanto as suas exigências relativas ao hábito de compra e da qualidade da fruta. Utilizou-se a estatística de Qui-quadrado para verificar a ocorrência de independência entre as variáveis obtidas por meio das respostas dos consumidores em uma amostra de 430 entrevistados entre as três cidades. Constatou-se que o perfil e a preferência dos consumidores de pêssego são distintos nas três cidades pesquisadas quanto ao local de compra e a preferência pela cor da polpa, porém a coloração amarelo-avermelhada da epiderme, o consumo semanal e o sabor são atributos semelhantes para os consumidores nas três cidades. Resumo em inglês Understanding the quality perceived by the consumer is important for those who want not only produce food but also market it. Furthermore, knowing the consumer habits and helps in planning appropriate actions in the various segments of the production chain. Thus, it is found the profile and preferences of consumers in natura of peach in three major cities of Rio Grande do Sul. Responses to the questionnaire applied, drew up its profile as their requirements concerning the (mais) habit of buying and quality of fruit. It was used to the chi-square statistic to verify the occurrence of independence between variables obtained through the responses of consumers in a sample of 430 interviewees between the three cities. It was that the profile and preferences of consumers of peach are different in the three cities surveyed as to the place of purchase and preference for color of the flesh, however, the yellow-red the epidermis, consumption and weekly flavor, are similar attributes for consumers in the three cities.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

61

Sarcoide equino associado ao papilomavírus bovino BR-UEL-4/ Equine sarcoid associated with bovine papillomavirus BR-UEL-4

Anjos, Bruno Leite dos; Silva, Mariana Sá e; Diefenbach, Aline; Brito, Marilene de Farias; Seppa, Gilberto dos Santos; Brum, Mário Celso Sperotto
2010-06-01

Resumo em português Um equino, sem raça definida, macho com três anos de idade apresentou múltiplos nódulos na pele, em diversas regiões do corpo. As lesões localizavam-se predominantemente nos lábios, nas bochechas, na região submandibular e na região inguinal direita. Os tumores caracterizavam-se como sarcoides dos tipos misto, fibroblástico, verrucoso e oculto. Histologicamente apresentaram proliferação de fibroblastos dérmicos, muitas vezes ulcerado, com ou sem hiperplasia p (mais) seudoepiteliomatosa da epiderme e formação de pequenos grupos isolados de fibroblastos neoplásicos na derme superficial. Três amostras de tecido foram submetidas à extração de DNA e amplificação por PCR com oligonucleotídeos iniciadores genéricos direcionados para uma região interna do gene L1 dos papilomavírus. Os produtos resultantes da amplificação de duas amostras foram sequenciados e demonstraram identidade de 99% com o papilomavírus bovino (BPV) BR-UEL-4. Essa é a primeira descrição da infecção de equinos, bem como de sua associação com sarcoide pelo BPV BR-UEL-4, um suposto novo tipo de BPV identificado recentemente no Brasil a partir de papilomas cutâneos em bovinos. Resumo em inglês A 3-year-old, mixed breed, male horse showed multiple nodules in different areas of the skin. Lesions occurred predominantly on the lips, cheeks, and submandibular and right inguinal regions. The nodules were characterized as mixed, fibroblastic, verrucous and occult types of sarcoid. Histologically there was proliferation of dermal fibroblasts, with or without pseudoepitheliomatous hyperplasia of the epidermis (frequently ulcerated), and formation of small isolated group (mais) s of neoplastic fibroblasts in the superficial dermis. Three tissue samples were submitted to DNA extraction and PCR amplification with generic primers for the internal region of the papillomavirus L1 gene. The amplified products from two samples were sequenced and showed 99% identity with the bovine papillomavirus (BPV) BR-UEL-4. This is the first description of BPV BR-UEL-4 infecting a horse and causing sarcoid in this species. BPV BR-UEL-4 is a putative new BPV type recently identified in skin papillomas in a Brazilian cattle herd.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

62

Dermatologia na pele negra/ Dermatology in black skin

Alchorne, Mauricio Mota de Avelar; Abreu, Marilda Aparecida Milanez Morgado de
2008-02-01

Resumo em português Este estudo aborda a dermatologia na pele negra. Inicialmente, discute os conceitos de raça e etnia, assim como os critérios de classificação da população brasileira, indicando as regiões em que a população negra se concentra. A seguir, faz breve explanação sobre os sistemas de classificação da cor da pele e descreve particularidades estruturais, biológicas e funcionais da epiderme, derme e anexos cutâneos que diferenciam as peles clara e escura. Posteriorm (mais) ente, mostra algumas alterações fisiológicas comumente observadas na pele, nas unhas e nas mucosas dos indivíduos negros. Aponta, também, alguns padrões de reações e modificações da cor das lesões, decorrentes da hiperpigmentação cutânea, que determinam aspectos inusitados às dermatoses, dificultando seu reconhecimento. Finalmente, destaca algumas doenças em especial, enfatizando particularidades inerentes ao padrão das lesões e à freqüência de algumas dermatoses na pele negra. Nesse contexto, a intenção foi fornecer dados para auxiliar o dermatologista a se familiarizar com as diferentes nuanças que as doenças podem adquirir na pele mais pigmentada. Resumo em inglês This study approaches dermatology in dark skinned individuals. First, it discusses the concepts of race and ethnicity, as well as the classification criteria of the Brazilian population, indicating areas where the dark skinned people are concentrated. Next, it makes one brief explanation on skin color classification systems and describes structural, biological and functional characteristics of the epidermis, dermis and cutaneous attachments that differentiate dark from fa (mais) ir skin. It also approaches some physiological alterations that usually are observed in the skin, nails and in the mucosa of dark skinned people. Also discussed are some patterns of reactions and alterations of lesion color, due to cutaneous hyperpigmentation, which lend unexpected aspects to the dermatosis, making its recognition difficult. Finally, the study highlights some diseases in particular, emphasizing inherent characteristics associated to lesion patterns and the frequency of some dermatoses in the black skin. The aim of this study was to bring data to help the dermatologist be familiar with the different nuances that lesions may present in a more pigmented skin.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

63

Anatomia foliar de plantas transgênicas e não transgênicas de Carica papaya L. (Caricaceae)/ Leaf anatomy of genetically modified and wild-type Carica papaya L. (Caricaceae)

Leal-Costa, Marcos Vinicius; Munhoz, Márcia; Meissner Filho, Paulo Ernesto; Reinert, Fernanda; Tavares, Eliana Schwartz
2010-06-01

Resumo em português O mamoeiro, Carica papaya L. (Caricaceae) é uma espécie americana, cujos frutos são largamente consumidos em todo mundo. Devido às perdas de produção provocadas por viroses e a dificuldade em controlá-las por métodos convencionais, a espécie tem sido alvo de pesquisas de melhoramento genético envolvendo transgenia para resistência a vírus. O presente trabalho descreve a anatomia foliar de plantas de mamoeiro convencional e transgênico resistente ao vírus da (mais) mancha anelar-Papaya ringspot virus (PRSV) com inserção da capa protéica viral. As duas cultivares apresentam pecíolo com endoderme e fibras pericíclicas. As folhas são hipoestomáticas e dorsiventrais, com laticíferos acompanhando os feixes vasculares e grande concentração de idioblastos com drusas de oxalato de cálcio. A epiderme é glabra, possuindo estômatos anomocíticos e anisocíticos, com células de paredes anticlinais retas na face adaxial e levemente sinuosas na face abaxial. O presente trabalho concluiu que o processo de transformação genética não alterou as características anatômicas das folhas de C. papaya, servindo de subsídio para avaliação da conformidade anatômica da cultivar transgênica. Resumo em inglês Papaya, Carica papaya L. (Caricaceae), is an American species, consumed worldwide. A major limitation to papaya production is attack by viruses, like the papaya ringspot virus (PRSV). Papaya has been genetically modified to increase its resistance to PRSV. The aim of this research was to compare the leaf anatomy of wild-type and genetically modified (GM) C. papaya plants to evaluate the influence of genetic modification on leaf anatomy. Wild-type and GM plants showed peti (mais) ole with endodermis and pericycle fibers. The leaves are hypostomatic and dorsiventral, with laticifers along vascular system and abundant druses of calcium oxalate. The epidermis was glabrous and presented anomocytic and anisocytic stomata, straight anticlinal walls on the adaxial face and sinuous on the abaxial face. Anatomical differences between wild-type and GM C. papaya leaves were not observed. These data contribute to risk assessments regarding the anatomical conformity of GM plants.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

64

Morfoanatomia das folhas de Dodonaea viscosa Jacq., Sapindaceae/ Morph-anatomy of the leaves of Dodonaea viscosa Jacq., Sapindaceae

Manfron, Melânia P.; Bajerski, Lisiane; Malesuik, Marcelo D.; Zanetti, Gilberto D.
2010-09-01

Resumo em português Dodonaea viscosa Jacq., Sapindaceae, é uma planta tradicionalmente utilizada como antifebril, anti-reumática e antimicrobiana. Neste trabalho foram determinados parâmetros morfo-anatômicos, por análise macro e microscópicas, das folhas de Dodonaea viscosa, com o objetivo de auxiliar sua diagnose como insumo farmacêutico. Macroscopicamente as folhas apresentam limbo com forma lanceolada, margem inteira, consistência áspera e venação eucamptódroma. O pecíolo é (mais) curto, reto e em seção transversal é triangular com os ângulos arredondados. Microscopicamente destaca-se a cutícula com formações lenticulares, os tricomas glandulares com quatro células na base, os tricomas tectores unicelulares de ápice afilado, os estômatos higrofíticos dispostos apenas na face abaxial da epiderme, o parênquima paliçádico com até três camadas de células e os feixes vasculares com xilema envolto por floema e cordões de parênquima que ligam um maciço central de células de parênquima a uma bainha de esclerênquima. Estas características morfo-anatômicas, quando analisadas em conjunto, contribuem no controle botânico de qualidade das folhas de Dodonaea viscosa como insumo farmacêutico. Resumo em inglês Dodonaea viscosa Jacq., Sapindaceae, is a plant traditionally used as anti fever, anti- rheumatic and antimicrobial. This work determined morpho-anatomical parameters, by macro and microscopic analysis of Dodonaea viscosa leaves, aiming to reach their diagnosis as pharmaceutical input. Macroscopically, the leaves have a lanceolate shape limb, full margin, rough consistence and venation eucamptodromous. The petiole is short, straight and in transversal section it is triang (mais) ular with round angles. Microscopically, the lenticullar formation cuticle is seen with prominence, the glandular thricomes are seen with four cells on the base, the non-glandular unicellular thricomes are seen with pointed apex, the higrophitic stomatas are disposed in the lower surface epidermis only, the palisade parenchyma show up to three-cell layers and vascular bundles with xylem involved by phloem and parenchyma lines which bound a central mass of parenchyma cells to a sclerenchyma sheath. This morph-anatomical characteristic, when analyzed in group, contributes to the botanical quality control of Dodonaea viscosa leaves as pharmaceutical input.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

65

Análise farmacognóstica das folhas de Arrabidaea chica (Humb. & Bonpl.) B. Verlt., Bignoniaceae/ Pharmacognostic analysis of Arrabidaea chica (Humb. & Bonpl.) B. Verlt. Leaves, Bignoniaceae

Alves, Mauro Sérgio Marques; Mendes, Patrizia Cardoso; Vieira, Janaína Gell de Pontes; Ozela, Eliana Ferreira; Barbosa, Wagner Luiz Ramos; Silva Júnior, José Otávio Carréra
2010-05-01

Resumo em português Arrabidaea chica (Humb. & Bonpl.) B. Verlt. é uma Bignoniaceae amplamente utilizada na medicina popular como anti-inflamatório e adstringente, e para várias doenças como cólicas intestinais, diarréias, anemias e enfermidades da pele. Devido as suas propriedades biológicas e a produção de corante a espécie passou a ser utilizada pela indústria cosmética. A utilização de produtos naturais de origem vegetal implica no controle de qualidade farmacobotânico e em (mais) ensaios de pureza que compõem as especificações técnicas da espécie. Para isso foi realizada a descrição anatômica das folhas jovens e maduras de A. chica a partir de observações realizadas ao microscópio óptico, a partir de cortes histológicos. As folhas são hipoestomáticas e dorsiventrais com mesofilo heterogêneo. No pecíolo, a epiderme é uniestratificada contendo tricomas e dotada de cutícula delgada. Os testes farmacopéicos incluíram a determinação da distribuição granulométrica do pó da planta, determinação do teor de umidade e de cinzas totais, além da abordagem fitoquímica da tintura, visando estabelecer parâmetros para seu controle de qualidade. Resumo em inglês Arrabidaea chica (Humb. & Bonpl.) B. Verlt. is a Bignoniaceae widely used in the popular medicine as anti-inflammatory and astringent agent, and for some illnesses as intestinal colic, diarrhoeas, anaemia and diseases of the skin. Its biological properties and dye biosynthesis lead the species to be used in the cosmetic industry. The use of natural products of vegetal origin implies in pharmacognostic quality control and purity assays that compose the technical specificat (mais) ions of the material. Therefore, the anatomical description of mature and young leaves of A. chica was carried through the use of optic microscopy on histological preparations. The leaves are hipostomatic and dorsiventral with heterogeneous mesophile. In petiole, the epidermis is unistratified, it contains trachoma and it is endowed with thin cuticle. The pharmacopoeia assays included the determination of the grain size distribution of the plant drug, the determination of humidity and the total ashes, beyond the phytochemistry approach of tincture, to establish parameters for its quality control.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

66

Demodicose bovina no Estado da Paraíba/ Bovine demodicosis in the state of Paraíba, northeastern Brazil

Faccini, João Luiz H.; Santos, Ana Clara G.; Bechara, Gervásio H.
2004-09-01

Resumo em português Casos de demodicose bovina foram observados em um rebanho da raça Sindhi no período de dezembro 1989 a janeiro 1992. Ambas as formas, localizada e generalizada, foram diagnosticadas. Este é o primeiro relato da forma generalizada no Brasil. Nos dois primeiros anos, a demodicose foi diagnosticada somente em animais (mais) 12/91) a 14,8% (9/61) nos animais com menos e mais de 2 anos de idade, respectivamente. Os sinais clínicos variaram de pequenos nódulos a espessamento da pele com nódulos grandes e moles, nas formas localizada e generalizada, respectivamente. Os principais achados histopatológicos dos nódulos cutâneos na forma generalizada foram: acantose com hiperqueratose, adenite sebácea crônica, necrose muscular subcutânea e degeneração focal de células da camada basal da epiderme, além da presença de grande número de ácaros de localização intraluminal nos terços médio e inferior de folículos pilosos dilatados. Observou-se ainda perifoliculite crônica, caracterizada por infiltrado celular predominantemente linfoplasmocitário contendo ainda macrófagos e neutrófilos, que envolvia bulbos pilosos. O estado nutricional precário dos animais e o estresse provocado pela longa estiagem, provavelmente, contribuíram para aumentar a suscetibili-dade do rebanho à infestação pelos ácaros. Resumo em inglês Cases of bovine demodicosis caused by Demodex bovis were reported in a Sindhi herd from December 1989 to January 1992. Both localized and generalized forms were diagnosed. This is the first report of the generalized form in Brazil. In the first two years, demodicosis was diagnosed only in cattle (mais) 2 years old, respectively. Clinical signs varied from a few small nodules to a thickened skin with soft large nodules in the localized and generalized forms, respectively. Main microscopic features of the nodules in the generalized form consisted of acanthosis with hyperqueratosis, chronic sebaceous adenitis, subcutaneous muscular necrosis, focal cellular degeneration of the epidermis basal layer and presence of large number of mites inside the lumen of dilated hair follicles. In addition, a chronic perifoliculitis was observed, characterized by lymphoplasmocytic infiltrate which also contained macrophages and neutrophils. It is suggested that poor nutrition and stress due to prolonged drought probably contributed to the increase of susceptibility of the herd to mite infestation.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

67

Microscopia confocal reflectante aplicada ao diagnóstico do melanoma cutâneo/ Reflectance confocal microscopy in the diagnosis of cutaneous melanoma

Rito, Cintia; Pineiro-Maceira, Juan
2009-12-01

Resumo em português O melanoma cutâneo é um problema de saúde pública a nível mundial. Sua incidência tem aumentado, de forma marcante, nos últimos anos, e o diagnóstico e excisão precoces são essenciais para o bom prognóstico dos pacientes. Neste contexto, a dermatoscopia ganhou grande importância, nas últimas duas décadas, melhorando, de forma significativa, a acurácia do diagnóstico do melanoma, em estágios iniciais. Porém, existem algumas lesões benignas que apresentam (mais) dermatoscopia duvidosa, levando à realização de cirurgias desnecessárias. Mais recentemente, a microscopia confocal reflectante vem sendo introduzida como método diagnóstico auxiliar promissor, por ser um exame não-invasivo, realizado in vivo, de forma simples, indolor e de rápida execução. É a única técnica capaz de identificar estruturas celulares e examinar a epiderme e a derme papilar, com resolução semelhante à da histopatologia, com uma sensibilidade de 97,3%, e especificidade de 72,3% para o diagnóstico do melanoma cutâneo. É uma importante ferramenta diagnóstica, visto que não substitui o exame histopatológico realizado no pós-operatório, mas permite a abordagem racional das lesões com dermatoscopia duvidosa, evitando procedimentos cirúrgicos desnecessários. Resumo em inglês Skin melanoma is an international public health issue, with a considerable increase in frequency over the past few years. Early diagnosis and excision are essential for good patient prognosis. Over the past two decades dermoscopy has gained significance due to a major improvement in the accuracy of skin melanoma diagnosis in its early stage. However, there are some benign lesions of questionable dermoscopy, which may lead to the performance of unnecessary surgery. Recentl (mais) y, reflectance confocal microscopy has been introduced as a promising supplementary diagnostic method. It is a noninvasive, in vivo, simple, painless and quick exam. It is the only technique capable of identifying cellular structures and to examine the epidermis and papillary dermis with a resolution similar to that of histopathology, with a sensitivity of 97.3% and specificity of 72.3 % in the diagnosis of cutaneous melanoma. This is an important diagnostic tool, because it does not substitute post-surgical histopathological examination and allows for the rational assessment of lesions of questionable dermoscopy, thus avoiding unnecessary surgical procedures.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

68

Anatomia e histoquímica das folhas de Senna alata/ Anatomy and histochemistry of Senna alata leaves

Rodrigues, I.M.C.; Souza Filho, A.P.S.; Ferreira, F.A.; Ilkiu-Borges, F.; Gurgel, E.S.C.
2009-01-01

Resumo em português Senna alata é uma espécie daninha frequente em pastagens da região amazônica, cujas folhas apresentam propriedades medicinais. Indivíduos dessa espécie foram cultivados e coletados no Campo Experimental da Embrapa Amazônia Oriental, em Belém-PA, para a realização de análises anatômica e histoquímica das folhas, com a finalidade de fornecer elementos para a taxonomia, identificação microscópica de aleloquímicos e caracterização ecofisiológica da espéci (mais) e. As folhas apresentaram duas formas de tricomas: tectores e glandulares. Outras características foliares encontradas na espécie foram: lâmina foliar anfiestomática, mesofilo dorsiventral e epiderme abaxial papilosa. Algumas dessas características sugerem um mecanismo de adaptação a ambientes com excesso de calor. As folhas são ricas em cristais de oxalato de cálcio, ao longo de suas nervuras - característica da subfamília Caesalpinioideae. Compostos fenólicos, como flavonoides e antraquinonas, foram encontrados em células epidérmicas, da base de tricomas, e células dispersas no parênquima paliçádico, especialmente nas proximidades da nervura mediana. Este estudo confirmou a presença de conhecidas classes de aleloquímicos em diferentes tipos de células do mesofilo de Senna alata. Resumo em inglês Senna alata is one of the most frequent weed species in the Amazonian region pastures. Its leaves present medicinal properties. Individuals of this species were cultivated and collected in the Experimental Field of Embrapa Amazônia Oriental, Belém-PA, to carry out anatomical and histochemical analyses to provide taxonomy information, microscopic identification of allelochemicals and ecophysiological characterization of the species. Leaves presented two forms of trichome (mais) s: tector and glandular. Other foliar characteristics of the species were: amphistomatic leaf, dorsiventral mesophyll and abaxial epidermis papillose. Some of these suggest an adaptation mechanism to excessive warm environments. Also, the leaves are rich in calcium oxalate crystals along their veins, a characteristic of Caesalpiniodeae subfamily. Phenolic compounds, such as flavonoids and anthraquinones, were found in epidermal and basal trichome cells, and scattered cells from palisade parenchyma, especially near the midvein. This study confirms the presence of known allelochemical classes in different types of cells in Senna alata mesophyll.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

69

Himatanthus lancifolius (Müll. Arg.) Woodson, Apocynaceae: estudo farmacobotânico de uma planta medicinal da Farmacopeia brasileira 1ª edição/ Himatanthus lancifolius (Müll. Arg.) Woodson, Apocynaceae: morpho-anatomical study of a medicinal plant described in the Brazilian Pharmacopoeia 1st edition

Baratto, Leopoldo C.; Hohlemwerger, Sandra V. A.; Guedes, Maria Lenise S.; Duarte, Márcia R.; Santos, Cid A. M.
2010-11-01

Resumo em português Himatanthus lancifolius (Müll. Arg.) Woodson é um arbusto nativo do Brasil, latescente, popularmente conhecido como agoniada e utilizado principalmente para distúrbios menstruais. O presente trabalho teve como objetivo caracterizar morfoanatomicamente a folha, o caule e a casca caulinar dessa planta medicinal, a fim de contribuir para o controle de qualidade e a autenticidade dessa espécie. O material vegetal foi fixado e submetido às microtécnicas usuais. A folha � (mais) � simples, glabra e obovado-lanceolada. A epiderme é uniestratificada, revestida por cutícula estriada e possui estômatos anisocíticos na face abaxial. O mesofilo é dorsiventral. A nervura central é biconvexa e o pecíolo é circular, ambos apresentando feixes vasculares bicolaterais. Laticíferos, amiloplastos e idioblastos fenólicos estão presentes no parênquima fundamental da nervura central e do pecíolo. O sistema vascular do caule é tipicamente bicolateral. Laticíferos e idioblastos fenólicos ocorrem no córtex, no floema e na medula. Esses caracteres morfoanatômicos, em conjunto, podem ser utilizados como parâmetros para o controle de qualidade dessa espécie. Resumo em inglês Himatanthus lancifolius (Müll. Arg.) Woodson is a Brazilian native shrub, laticiferous, popularly known as "agoniada" and it is mainly used for uterine disorders. The present work aimed to study the leaf, stem and stem bark morpho-anatomy of this medicinal plant, in order to contribute to its quality control and identification. The plant material was fixed and submitted to standard microtechniques. The leaf is simple, glabrous and obovate-lanceolate. The epidermis is uni (mais) seriate, coated with striated cuticle and it has anysocitic stomata on the abaxial surface. The mesophyll is dorsiventral. The midrib is biconvex and the petiole is circular, both presenting bicollateral vascular bundles. Laticiferous ducts, amyloplasts and phenolic idioblasts are found in ground parenchyma of the midrib and petiole. The vascular system of the stem is tipically bicollateral. Laticiferous ducts and phenolic idioblasts are present in the cortex, phloem and pith. These morpho-anatomical characters, all together, can be used as quality control parameters of this species.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

70

Morfoanatomia de folha e caule de Genipa americana L., Rubiaceae/ Leaf and stem morpho-anatomy of Genipa americana L., Rubiaceae

Erbano, Marianna; Duarte, Márcia R.
2010-12-01

Resumo em português Genipa americana L., conhecida como jenipapo, é uma Rubiaceae nativa do Brasil e as suas folhas são utilizadas pela população como antidiarreico e febrífugo, e o caule como anti-hemorrágico, contra luxações e contusões. Com o objetivo de caracterizar macro e microscopicamente folhas adultas e caules jovens para o controle de qualidade farmacognóstico, essa planta medicinal foi analisada segundo a metodologia clássica de morfoanatomia vegetal. Genipa americana a (mais) presenta folhas simples, opostas, de formato obovado a oblanceolado e pecíolos curtos. A epiderme foliar é uniestratificada e revestida por cutícula delgada e levemente estriada. Os estômatos são paracíticos e restritos à superfície abaxial. Há tricomas tectores uni e pluricelulares predominantemente na superfície abaxial. O mesofilo é dorsiventral. Em secção transversal, a nervura central é plano-convexa e o pecíolo é circular, ambos apresentando um feixe vascular colateral em disposição cilíndrica e outros menores. O caule possui felogênio localizado nas camadas subepidérmicas, colênquima anelar e um cilindro floemático externo ao de xilema, sendo ambos percorridos por raios parenquimáticos estreitos. Ocorrem idioblastos contendo compostos fenólicos, areia cristalina e drusas de oxalato de cálcio na folha e no caule. Resumo em inglês Genipa americana L., known as jenipapo, is a Rubiaceae species native to Brazil. Its leaves are used by the population as anti-diarrheic and febrifuge, and its stem as anti-hemorrhagic and for trauma injuries. Aiming to identify macro and microscopically mature leaves and young stems for the pharmacognostic quality control, this medicinal plant was investigated according to standard morpho-anatomical techniques. The leaves are simple, opposite, obovate-oblanceolate, prese (mais) nting short petiole. The epidermis is uniseriate and coated with thin and slightly striate cuticle. The stomata are paracytic and restricted to the abaxial surface. It occurs non-glandular trichomes, uni and multicellular, predominantly on the abaxial surface. The mesophyll is dorsiventral. In cross-section, the midrib is plane-convex and the petiole is circular, both presenting one collateral vascular bundle in centric arrangement and minor ones. The stem shows phellogen installed superficially, annular collenchyma and a phloem cylinder outside the xylem one, both traversed by narrow parenchymatic rays. It is encountered idioblasts containing phenolic substances and calcium oxalate crystal-sand and druses.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

71

Estudo morfofuncional das glândulas mamárias de Mão Pelada, Procyon cancrivorus/ Morphofunctional study of Crab-eating Raccoon (Procyon cancrivorus) mammary gland

Bellatine, Tatiana; Mançanares, Celina A.F.; Franciolli, André Luis R.; Ambrósio, Carlos E.; Martins, Daniele S.; Miglino, Maria Angélica; Carvalho, Ana Flávia
2010-08-01

Resumo em português Para a descrição macro e microscópica das glândulas mamárias foram utilizadas três fêmeas de Mão Pelada (Procyon cancrivorus). As amostras das glândulas foram processadas conforme técnicas rotineiras para histologia. As fêmeas estudadas apresentaram 3 pares de glândulas mamárias, sendo um par de glândula mamária abdominal cranial, um par de abdominal caudal e um par de inguinal. As papilas mamárias apresentaram formato pendular, como os canídeos doméstic (mais) os. Microscopicamente, a glândula mamária apresentou da porção externa para a interna: epiderme (epitélio estratificado pavimentoso queratinizado), derme (tecido conjuntivo frouxo e tecido conjuntivo denso não modelado), fibras musculares lisas e ductos papilíferos que abrem em vários ósteos papilares em formato de "chuveiro". A porção secretora glandular era caracteristicamente túbulo alveolar, com células cuboidais dispostas em camada simples. Os resultados indicam que o conjunto glandular estudado é semelhante ao da cadela (Cannis familiaris) tanto em seu aspecto macroscópico quanto em seu aspecto microscópico, este fato sugere que podemos utilizar o Mão Pelada e o Cão como modelos similares de estudo, para identificação de patologias relacionadas a este sistema. Resumo em inglês Three Procyon cancrivorus females were studied with emphasis for gross and microscopical description of the mammary glands. Samples of the glands were processed with routine techniques for histology. The females studied presented three pairs of mammary glands: one pair of cranial abdominal mammary glands, a second pair of caudal abdominal and a third one, as inguinal mammary glands. Mammary papillae presented a pendulum shape, as in the domestic dogs. Microscopically, the (mais) mammary gland consisted from the external to the internal portion (1) of stratified squamous epithelium of the epidermis, (2) dense irregular connective tissue of the derma, and (3) smooth muscle fibers and papillary ducts that flowed with "shower" shape into the lactiferous sinus. The secretory portion consisted of tubule-alveolar glands with cuboidal cells disposed in a simple layer. The results indicate that the set of glandular studies is similar to ones related to dog (Canis familiaris) in such a way in its gross aspect that how much in its microscopically structure. This fact suggests that we can use the raccoon and the dog as similar models of study, for identification of pathologies related to this system.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

72

Estudo de nove casos de tinha negra observados na Grande Vitória (Espírito Santo, Brasil) durante período de cinco anos/ Study of nine observed cases of Tinea Nigra in Greater Vitória (Espírito Santo state, Brazil) over a period of five years

Diniz, Lucia Martins
2004-05-01

Resumo em português FUNDAMENTOS: Tinha negra ou ceratofitose negra constitui-se em infecção fúngica crônica do estrato córneo da epiderme, rara, causada pelo fungo filamentoso Phaeoannellomyces werneckii. Caracteriza-se clinicamente por mancha acastanhada, de limites nítidos, pouco descamativa, assintomática, preferencialmente localizada na palma da mão. OBJETIVO: Registrar a presença de casos de tinha negra no Estado do Espírito Santo e descrever suas características epidemiológ (mais) icas. CASUÍSTICA E MÉTODOS: Foram pesquisados casos com o diagnóstico clínico de tinha negra em meio a todos os pacientes submetidos a exames laboratoriais para a determinação de fungos no laboratório do Serviço de Dermatologia de Vitória, no período de primeiro de janeiro de 1998 a primeiro de janeiro de 2003. RESULTADOS: Foram encontrados nove casos de tinha negra, sendo todos os portadores da raça branca com lesão localizada em uma das palmas das mãos; sete casos (77,7%) no sexo feminino, e seis casos (66,6%) na faixa de idade pré-escolar. Houve confirmação laboratorial em todos os casos. CONCLUSÕES: a) Foram diagnosticados nove casos de tinha negra durante o estudo, mesmo em região de praia; b) o sexo feminino, a raça branca e as crianças foram mais freqüentemente acometidos; c) a localização preferencial foi na região palmar, com predileção pela mão esquerda. Resumo em inglês BACKGROUND: Tinea Nigra is a rare, chronic fungal infection of the stratum corneum of the epidermis. It is caused by a filamentous fungus (Phaeoannellomyces werneckii) and is characterized by brownish stains, with clear, nondesquamative and asymptomatic borders, commonly located on the palms of the hand. OBJECTIVES: To register the presence of cases of Tinea Nigra in Espírito Santo state and describe its epidemiological characteristics. MATERIAL AND METHODS: Cases clinic (mais) ally diagnosed as Tinea Nigra were sought among the patients submitted to laboratory examinations in order to define fungus presence at the Dermatology Service laboratory in Vitória, from January 1, 1998 to January 1, 2003. RESULTS: Nine cases of Tinea Nigra were found, all of them affecting Caucasian persons, with damage located on one of the palms of the hands; seven cases (77.7%) were female, six cases (66.6%) were preschool children. All of the cases had laboratorial confirmation. CONCLUSIONS: a) Nine cases of Tinea Nigra were found, even in the seaside beach region; b) Caucasians, women and children were most commonly affected; c) the common localization is on the palm of the hands, mainly on the left hand.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

73

Hiperceratose epidermolítica em mosaico/ Mosaic epidermolytic hyperkeratosis

Sousa, Patrícia F. de; Salas, Ingrid R.; Crisóstomo, Manoela C. C.; Oliveira, Elisa Fontenelle de; Azulay, Rubem David; Kac, Bernard K.
2003-08-01

Resumo em português A hiperceratose epidermolítica é doença genética da queratinização e inicialmente foi descrita sob a sinonímia de eritrodermia ictiosiforme congênita bolhosa. Caracteriza-se por apresentar herança autossômica dominante, podendo ocorrer mutação espontânea em 50% dos casos. Usualmente apresenta-se ao nascimento com bolhas, eritema e descamação, evoluindo para hiperceratose com ou sem eritrodermia associada. A histopatologia é típica, destacando-se camada c� (mais) �rnea intensamente espessada, com degeneração vacuolar na porção superior da epiderme. Têm sido relatados casos esporádicos por mutação pós-zigótica durante a embriogênese, caracterizando o padrão em mosaico do envolvimento cutâneo, com áreas de hiperceratose alternando com pele sã, seguindo as linhas de Blaschko. As mutações têm sido relatadas nos genes das citoqueratinas 1 e 10. Os autores apresentam o caso de um adolescente de 15 anos de idade, que aos 10 meses de vida apresentou vesículas e bolhas que evoluíram para lesões hiperceratósicas acometendo os membros, o tronco e a região cervical. Tais lesões seguem as linhas de Blaschko e se alternam com pele sã. O exame histopatológico foi compatível com hiperceratose epidermolítica. O paciente recebeu tratamento com acitretin, obtendo boa resposta. Resumo em inglês Epidermolytic Hyperkeratosis is a genetic disorder of keratinization, initially described as bullous ichthyotic erythroderma. It is transmitted as an autosomal dominant trait, although 50% of cases may occur as spontaneous mutations. This disease frequently presents with blistering, redness and peeling at birth. With time it may develop into generalized hyperkeratosis with or without erythroderma. It has a distinctive histopathologic feature of vacuolar degeneration of th (mais) e upper epidermis and associated thick stratum corneum. Sporadic epidermolytic hyperkeratosis due to postzygotic, spontaneous mutation during embryogenesis may appear in a mosaic pattern of skin involvement showing areas of hyperkeratosis distributed in streaks along Blaschko's lines, and alternating with normal skin. Mutations occur in either keratin 1 and 10. The authors present the case of a 15 year-old adolescent, who since the age of ten has presented vesico-bullous lesions that gradually became hyperkeratotic. They affected the limbs, the body and the cervical region following Blaschko's lines, and alternating with normal skin. The histopathologic study was compatible with epidermolytic hyperkeratosis. He was treated with acitretin, which obtained a good response.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

74

Análise comparativa de fragmentos identificáveis de forrageiras, pela técnica micro-histológica/ Comparative analysis of identifiable fragments of forages, by the microhistological technique

Bauer, Maristela de Oliveira; Gomide, José Alberto; Silva, Eldo Antônio Monteiro da; Regazzi, Adair José; Chichorro, José Franklim
2005-12-01

Resumo em português Objetivou-se, com este trabalho, verificar, pela técnica micro-histológica, diferenças entre espécies forrageiras quanto ao percentual de fragmentos identificáveis, em função do processo digestivo e da época do ano. Lâminas foliares frescas recém-expandidas, correspondentes à última e à penúltima posição no perfilho, das espécies Melinis minutiflora Pal. de Beauv (capim-gordura), Hyparrhenia rufa (Nees) Stapf. (capim-jaraguá), Brachiaria decumbens Stapf. (mais) (capim-braquiária), Imperata brasiliensis Trin. (capim-sapé), de Medicago sativa L. (alfafa) e de Schinus terebenthifolius Raddi (aroeira), amostradas nos períodos chuvoso e seco, foram digeridas in vitro e preparadas de acordo com a técnica micro-histológica. Observou-se que as espécies apresentaram diferenças marcantes na porcentagem de fragmentos identificáveis e que a digestão alterou estas porcentagens em torno de 10 %; que o período de amos­tragem não influenciou a porcentagem de fragmentos identificáveis para a maioria das espécies; que a presença de pigmentos e a adesão da epiderme às células dos tecidos internos da folha prejudicaram a identificação dos fragmentos; e que a digestão melhorou a visualização dos fragmentos dos capins sapé e jaraguá e da aroeira, mas prejudicou a do capim-braquiária e, principalmente, a da alfafa. Resumo em inglês The objetive of this study was to verify differences among forages species in relation to the percentage of identifiable fragment as affected by the digestion process and season. Fresh last expanded leaf lamina samples of the species Melinis minutiflora Pal. de Beauv (Molassesgrass), Hyparrhenia rufa (Nees) Stapf. (Jaraguagrass), Brachiaria decumbens Stapf. (Signalgrass), Imperata brasilienses Trin. (Sapegrass), and foliar laminas of Medicago sativa L. (Alfalfa) and Schin (mais) us terebenthifolius Raddi (Aroeira), sampled in the rainy and dry seasons, were digested in vitro and prepared according to the microhistological technique. The digestion process caused change of 19 units in the percentage of identifiable fragments whose values varied among forage species. The season did not influence the percentage of identifiable fragments for most species; the presence of pigments and adherence of epidermis to internal tissues of the leaf hindered the identification of fragments. The digestion improved the identification of sapegrass fragments, jaraguagrass and Schinus terebenthifolius Raddi, but hindered identification of signalgrass fragments and mainly those of alfalfa.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

75

Morfoanatomia foliar de microorquídeas de Ornithocephalus Hook. e Psygmorchis Dodson & Dressler/ Leaf anatomy of micro-orchids of Ornithocephalus Hook. and Psygmorchis Dodson & Dressler

Della Colleta, Rayza Carla Lopes; Silva, Ivone Vieira da
2008-12-01

Resumo em português Analisou-se a morfoanatomia foliar de Ornithocephalus bicornis Lindl. ex Benth., Ornithocephalus myrticola Lindl., Psygmorchis pusilla (L.) e Psygmorchis glossomystax (Rchb. f.), a fim de identificar caracteres de valor taxonômico e significado ecológico. Folhas expandidas foram coletadas na região de Alta Floresta, MT. As amostras foram incluídas em metacrilato, cortadas em micrótomo de mesa e corados com azul de toluidina. As lâminas foram montadas em resina sint� (mais) �tica ou gelatina glicerinada. Epidermes foliares foram dissociadas e testes histoquímicos aplicados. As plantas observadas neste estudo são epífitas, carnosas e não apresentam pseudobulbos. A epiderme é uniestratificada e delgada com exceção de O. bicornis que é espessa, apresentando cutícula delgada e lisa. As espécies estudadas apresentam folhas anfiestomáticas com os estômatos presentes no mesmo nível das células epidérmicas. Os estômatos geralmente são anomocíticos e tetracíticos em O. myrticola, P. pusilla e P. glossomystax. Em O. bicornis ocorrem tetracítico, anisocítico e actinocítico. As células-guarda são de paredes periclinais espessas e as câmaras subestomática são pequenas, exceto em P. pusilla. Com exceção de O. bicornis, o mesofilo das espécies é heterogêneo, sendo constituído de diferentes tipos de parênquima. Os feixes vasculares são colaterais. As espécies foram consideradas mesófilas. Resumo em inglês Leaf anatomy of O. bicornis Lindl. ex Benth., O. myrticola Lindl., P. pusilla (L.) and P. glossomystax (Rchb. f.) was analyzed to identify valuable taxonomic and ecological traits. Expanded leaves were collected in the Alta Floresta, Mato Grosso State, region. Leaf samples embedded in methacrylate were cut with a table microtome and stained with toluidine blue. Slides were mounted in synthetic resin or in glycerin gelatin. Leaf tissues were dissociated and histochemical t (mais) ests applied. Plants observed in this study are succulent epiphytes without pseudobulbs. The epidermis is uniseriate and thin, with the exception of O. bicornis which has a relatively thick epidermis, and a thin, smooth cuticle. The species have amphistomatic leaves and the stomata are at the same level as the epidermal cells. Stomata are generally anomocytic and tetracytic in O. myrticola, P. pusilla and P. glossomystax. O. bicornis has tetracytic, anisocytic and actinocytic stomata. Guard cells have thick periclinal walls and small substomatic chambers, except in P. pusilla. With the exception of O. bicornis, species have heterogeneous mesophyll with different types of parenchyma. All vascular bundles are collateral. The species are mesophytic.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

76

Hipomelanose de Ito - relato de um caso/ Hypomelanosis of Ito: Report of a case

Almeida, Adriana S. de; Cechin, Wânia E.; Ferraz, Jussara; Rodriguez, Rubens; Moro, Anita; Jorge, Rudah; Rosa, Leila C. da
2001-02-01

Resumo em português Objetivo: Os autores têm como objetivo relatar um caso de hipomelanose de Ito (HI), uma síndrome neurocutânea rara, com alterações neurológicas e cromossômicas associadas ao comprometimento cutâneo e pneumonias de repetição. Relato do caso: Este relato é referente a um paciente masculino, 1 ano e 11 meses, internado no Hospital Universitário São Vicente de Paulo por broncopneumonia bilateral. Ao exame foram observadas máculas hipocrômicas na pele compatíve (mais) is com HI, além de atraso do desenvolvimento neuropsicomotor. O paciente foi submetido à biópsia incisional de pele das lesões do abdômen, eletroencefalograma, ressonância magnética e estudo citogenético. Resultados: Os exames histológico e imunoistoquímico evidenciaram ausência de melanina e diminuição de melanócitos em áreas focais da epiderme, respectivamente. O eletroencefalograma apresentou disfunção córtico-subcortical difusa. A ressonância magnética do encéfalo foi compatível com cisto aracnoídeo em região temporal. O cariótipo evidenciou mosaicismo cromossômico com uma linhagem normal (46,XY) e uma linhagem celular que apresentava deleção intersticial nas bandas 22.2 - 24.2 do braço longo do cromossomo 10 (25%). Conclusões: Os autores, com o presente estudo, destacam a importância das lesões de pele na definição etiológica das desordens neuropediátricas. Resumo em inglês Objectives: The authors report a case of hypomelanosis of Ito (HI), a rare neurocutaneous syndrome with neurological and chromosomal alterations associated with cutaneous involvement and recurrent pneumonia. Case report: This is the case of a male patient, 1 year and 11 months old, hospitalized with bilateral bronchopneumonia at the São Vicente de Paulo Hospital. Examining the patient, hypochromic maculas in the skin, compatible with HI, and a delay in the neuropsychomot (mais) or development were observed. The patient was submitted to incisive biopsy of the skin lesions of the abdomen, electroencephalogram, magnetic resonance and cytogenetic evaluation. Results: The histologic and immunohistochemistry exams evinced melanin absence and melanocyte reduction in focal areas of the epidermis, respectively. The electroencephalogram revealed diffuse cortico-subcortical disfunction. The encephalon magnetic resonance imaging was compatible with arachnoid cyst in the temporal region. The cariotipo evinced chromosome mosaic with a normal lineage (46,XY) and a cellular lineage revealing interstitial deletion in the 22.2 - 24.2 bands of the arm of chromosome 10 (25%). Conclusions: With the present study, the authors emphasize the importance of skin lesions in the etiologic definition of neuropediatric disorders.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

77

Ectima contagioso em ovinos e caprinos no semi-árido da Paraíba/ Contagious echtyma in sheep and goats in the semiarid of Paraíba, Brazil

Nóbrega Jr, Jandui E.; Macêdo, Juliana T.S.A.; Araújo, José A.S.; Dantas, Antônio F.M.; Soares, Mauro P.; Riet-Correa, Franklin
2008-03-01

Resumo em português Descrevem-se dez surtos de ectima contagioso em caprinos e dois em ovinos no semi-árido da Paraíba. Os animais jovens foram os mais afetados, mas em oito surtos animais adultos também foram afetados, principalmente cabras lactantes que apresentavam lesões no úbere. Em nenhum dos rebanhos afetados havia antecedentes de vacinação contra ectima contagioso. Histologicamente a epiderme apresentava acantose com hiperplasia pseudoepiteliomatosa e com múltiplos focos de d (mais) egeneração hidrópica formando vesículas ou pústulas. Inclusões intracitoplasmáticas eosinofílicas foram observadas em queratinócitos. Havia restos celulares necróticos formando crostas, hiperqueratose e microabscessos intracorneais ou extensas áreas ulceradas. Na derme observou-se infiltrado inflamatório mononuclear difuso. Também foi registrado um caso humano em um pesquisador que tinha administrado planta por via oral a um caprino que, posteriormente, apresentou lesões de ectima contagioso. Neste caso, também foram observadas lesões características em uma biopsia e o vírus foi identificado por microscopia eletrônica. Conclui-se que a doença é endêmica no semi-árido e que é necessária a vacinação sistemática dos rebanhos para diminuir os prejuízos econômicos causados pela mesma. A utilização de luvas para o manuseio de animais afetados é necessária para evitar casos humanos da enfermidade. Resumo em inglês Ten outbreaks of contagious ecthyma in goats and two in sheep in the semiarid of Paraíba State are reported. Young animals were more frequently affected, but in 8 outbreaks adult animals were also affected, mainly lactating goats which developed udder lesions. None of the affected flocks had been vaccinated. Upon histologic examination the epidermis showed acanthosis with pseudoepitheliomatous hyperplasia and multifocal ballooning degeneration forming vesicles or pustule (mais) s. Eosinophilic inclusion bodies were observed in keratinocytes. Crust of necrotic cells, hyperkeratosis, and intracorneal microabscesses or large ulcerated areas were also observed. Severe diffuse infiltration by mononuclear cells was observed in the dermis. A human case was observed in an investigator that was feeding a goat that later appeared with lesions of the disease. In this case, the virus was identified by electron microscopy of a skin biopsy. These results show that contagious ecthyma is endemic in Northeastern Brazil and therefore systematic vaccination of the flocks is necessary to control the disease. The use of gloves to handle affected animals is advisable to minimize the risk of human exposure.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

78

Smallanthus sonchifolius (Poepp.) H. Rob. (yacón): identificação microscópica de folha e caule para o controle de qualidade farmacognóstico/ Smallanthus sonchifolius (Poepp.) H. Rob. (yacon): microscopical identification of the leaf and stem for the pharmacognostic quality control

Duarte, Márcia do Rocio; Wolf, Samantha; Paula, Bruna Gruskoski de
2008-03-01

Resumo em português Yacón é a denominação popular da erva perene nativa dos Andes, Smallanthus sonchifolius (Poepp.) H. Rob. (Asteraceae), cultivada em diferentes países como recurso alimentar e medicinal. Raízes tuberosas e partes vegetativas aéreas são freqüentemente empregadas como coadjuvante no tratamento do diabetes. Este trabalho objetivou estudar os caracteres anatômicos de folha e caule, a fim de fornecer informações para a identificação microscópica no controle de qu (mais) alidade farmacognóstico. O material botânico foi fixado e preparado de acordo com técnicas usuais de microscopia de luz e eletrônica de varredura. A folha é anfiestomática, com predominância de estômatos anomocíticos. Tricomas tectores e glandulares estão presentes, sendo os primeiros pluricelulares e unisseriados. Os tricomas glandulares são curtos e pluricelulares, com duas séries de células. O mesofilo é dorsiventral e a nervura central possui vários feixes vasculares colaterais em disposição cêntrica. O caule jovem apresenta epiderme persistente, colênquima angular, parênquima cortical, endoderme e cilindros contínuos de floema e xilema. Dutos secretores encontram-se na folha e no caule. O conjunto dos caracteres observados, como a presença de tricomas tectores e glandulares, dutos secretores e endoderme com estrias de Caspary, é útil para o controle de qualidade dessa espécie. Resumo em inglês Yacon is the common name of the perennial herb native to the Andes, Smallanthus sonchifolius (Poepp. ) H. Rob. (Asteraceae), cultivated in different countries as food and medicinal resource. Fleshy roots and aerial vegetative organs are often used in the treatment of diabetes. This work has aimed to study the anatomical characters of the leaf and stem, aiming to supply information for microscopic identification of the pharmacognostic quality control. The botanical materia (mais) l was fixed and prepared according to standard techniques of light and scanning electron microscopy. The leaf is amphistomatic, predominantly with anomocytic stomata. Non-glandular and glandular trichomes are present, being the former multicellular and uniseriate. The glandular ones are short and multicellular, with two series of cells. The mesophyll is dorsiventral and the midrib has various collateral vascular bundles in centric arrangement. The young stem has remaining epidermis, angular collenchyma, cortical parenchyma, endodermis and continuous cylinders of phloem and xylem. Secretory ducts are found in the leaf and stem. The assembled characters, such as non-glandular and glandular trichomes as well as secretory ducts and endodermis with Casparian strips, are useful for the quality control of this species.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

79

Desenvolvimento e validação de metodologia analítica para a determinação do teor de ácido glicólico na matéria-prima e em formulações dermocosméticas/ Development and validation of an analytical methodology for determination of glycolic acid acid in raw material and dermocosmetic formulations

Henriques, Bianca Gonzalez; Sousa, Valéria Pereira de; Volpato, Nadia Maria; Garcia, Sheila
2007-03-01

Resumo em português O ácido glicólico é amplamente utilizado na terapêutica para se obter um peeling suave, levando ao afinamento do estrato córneo útil na renovação da epiderme e na redução das linhas faciais. Porém, em concentrações elevadas pode estar associado a um alto potencial de irritação da pele. O peeling químico tem diversas aplicações clínicas dentre elas o tratamento da pele facial lesada por problemas como acne, ictiose, melasma, verrugas e outros problemas. (mais) O presente trabalho objetivou estabelecer e validar a metodologia analítica para a determinação do teor de ácido glicólico na matéria-prima e em formulações dermocosméticas, tendo empregado o método titulométrico de neutralização ácido-base, determinando-se o ponto de equivalência com indicador e/ou indicação potenciométrica. A análise do teor de ácido glicólico na matéria-prima e, particularmente, no produto acabado, é importante para o controle de qualidade, principalmente, para a segurança dos consumidores. Portanto, a matéria-prima e os produtos, contendo ácido glicólico, foram analisados em dois dias, quanto ao teor de ácido glicólico livre e total utilizando soluções de hidróxido de sódio 0,1 N e o ácido clorídrico 0,1 N. A metodologia desenvolvida baseou-se na reação com a substância ativa e com as características próprias destas formulações, demonstrando ser prática e eficaz na quantificação do ácido glicólico. Resumo em inglês Glycolic acid is widely used in therapeutical care as a soft peeling, leading to the thickness of the horny layer, which is useful in the renewal of the epidermis and the reduction of the face lines. However, in high concentrations it can be associated to a potential of irritation of the skin. A chemical peeling has diverse clinical applications, among them the treatment of injured skin face like: acne, ichthyose, melasma, warts and other else. The present work had the go (mais) al to establish and to validate an analytical methodology for the determination of the glycolic acid purity in the raw material and in the dermocosmetic formulations, the acid-base neutralization titration method was used, and the end point was determined with visual indicator as well as potenciometric. The analysis of glycolic acid in the raw material, and particularly, in the finished product is important to maintain the quality control and to guarantee the consumers security. Therefore, the raw material and the products, with glycolic acid, were analyzed in two days, as its purity in free and total glycolic acid was determined using sodium hydroxide 0,1 N and the hydrochloric acid 0,1 N solutions. The developed methodology was based on the reaction with the active substance and with the property characteristics of these formulations. It was demonstrated to be practical and efficient in quantify the glycolic acid.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

80

Estudos histoplásticos da interação Colletotrichum gloeosporioides: cafeeiro/ Histopathological studies of the interaction Colletotrichum gloeosporioides: coffee tree

Pereira, Igor Souza; Abreu, Mario Sobral de; Alves, Eduardo; Ferreira, Josimar Batista
2009-01-01

Resumo em português Nos estudos envolvendo a interação Colletotrichum gloeosporioides-cafeeiro (Coffea arabica L.), poucas são as informações a respeito do modo de penetração e colonização deste patógeno. Estudou-se por meio da microscopia eletrônica de varredura (MEV), os eventos de pré-penetração e penetração de C. gloeosporioides em hipocótilos de cafeeiros e a colonização natural de ramos e frutos provenientes de plantas com mancha manteigosa. Realizaram-se três ensai (mais) os. No primeiro, fez-se a observação dos eventos de pré-penetração de C. gloeosporioides inoculados em hipocótilos de plântulas da cv. Acaiá Cerrado com e sem ferimentos; no segundo, observou-se a colonização de ramos enfermos em que havia murcha drástica e necrose local e, no terceiro, a colonização de frutos enfermos. A germinação dos conídios nos hipocótilos feridos ocorreu 6 horas após a inoculação, com a formação de um ou dois tubos germinativos terminais e a adesão dos conídios nas depressões dos hipocótilos. Apressórios globosos a subglobosos e de contorno regular surgiram 12 horas após a inoculação. Até 72 horas, não foi possível observar a formação de acérvulos sobre os tecidos submetidos à inoculação. Nos ramos observava-se colonização nos vasos floema e parênquima cortical. Nos frutos em diferentes estádios de maturação foi observada a colonização do tecido próximo à epiderme e colapso dos estômatos na área lesionada. Resumo em inglês In studies involving the interaction Colletotrichum gloeosporioides - coffee trees (Coffea arabica L.) there is little information regarding the pre-penetration, penetration and colonization pathways of this pathogen. The objectives of this work were: 1. to study through scanning electron microscopy (SEM) the pre-penetration and penetration events of C. gloeosporioides in hypocotyls of coffee plantlets; 2. to observe the colonization of Colletotrichum spp. in branches and (mais) fruits of coffee trees with blister spot symptoms. The study took place in three trials. In the first trial, it was observed and reported the pre-penetration events of C. gloeosporioides inoculated on hypocotyls of coffee cv. Acaiá Cerrado with and without wounds. The second trial was performed to investigate the colonization of diseased coffee branches that presented drastic wilt and local necrosis was observed. Finally the third trial investigated the colonization of this pathogen in diseased coffee fruits. When C. gloeosporioides was inoculated, germination could be observed in wounded hypocotyls 6 hours after inoculation. Better adhesion of conidia was evident at surface depressions of hypocotyls and germination started by emission of one or two terminal germ tubes. Round or sub-round shaped apressoria appeared 12 hours after inoculation. Up to 72 hours, acervula formation was not observed on inoculated tissues. The wilted branches presented colonization in the phloem and cortical tissues. In fruits at different stages of maturation, it was observed colonization in tissues near the epidermis and collapse of the stomata in the affected area.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

81

Descrição histológica do escroto de caprinos nativos do Estado do Piauí, segundo o grau de bipartição escrotal/ Scrotum histological description in native goats from Piaui State, according to scrotal bipartition level

Nunes, Aline Soares; Cavalcante Filho, Miguel Ferreira; Machado Júnior, Antonio Augusto Nascimento; Silva, Ana Lúcia Abreu; Conde Júnior, Airton Mendes; Souza, José Adalmir Torres; Carvalho, Maria Acelina Martins
2010-08-01

Resumo em português Esta pesquisa teve por objetivo avaliar as características histológicas do escroto de caprinos com diferentes graus de divisão escrotal. Foram utilizados 15 caprinos distribuídos em três grupos (GI, escroto não bipartido; GII, escroto bipartido até 50% do comprimento testicular; e GIII, escroto bipartido superior a 50% do cumprimento do testículo). Fragmentos do escroto foram submetidos a processamento histológico e analisados em microscópio de luz. Na pele do e (mais) scroto, a epiderme apresentava-se composta por epitélio pavimentoso estratificado queratinizado, organizado nos estratos basal, espinhoso, granuloso e córneo. Sua espessura, independentemente da divisão escrotal, aumentou gradativamente da região proximal à distal, sendo mais espessa nos caprinos do GIII (68,91µm) e mais fina na região da rafe escrotal do grupo GI. A derme apresentava-se escassa em tecido adiposo e possuía uma maior quantidade de glândulas sudoríparas apócrinas nos animais do GIII (18,12GS mm-2), quando comparado com os do GI (16,14GS mm-2) e GII (14,82GS mm-2). Com relação às glândulas sebáceas, não foi encontrada diferença numérica significativa entre os animais pesquisados. Concluiu-se que os caprinos que apresentam bipartição escrotal mais acentuada (GIII) podem apresentar uma maior produção de suor, pois contém maior quantidade de glândulas sudoríparas no escroto, fato que pode favorecer a perda de calor por evaporação, colaborando no processo de termorregulação testicular. Resumo em inglês Among male goats in tropical regions, a bipartition in scrotum happens frequently Studies have shown that goats with bigger accented division in scrotum have reproductive advantages in relation to those that had not presented this characteristic, giving them a better thermoregulation for testis in the animals with bipartite scrotum. This research aimed to evaluate histological characteristics of the scrotum, in 15 goats, distributed in three groups, according to scrotal c (mais) onfiguration (GI, unique scrotum; GII, scrotum bipartite up to 50% of the testicular length; GIII, scrotum bipartite upper than 50%). It was removed fragments of the organ and they were processed, according to histological routine and analyzed in light microscope. The scrotum skin is constituted of epidermis and dermis, and the epidermis is formed by stratified keratinizing epithelium, organized in basale, spinosum, granulosum, and corneum stratums. The epidermis width, independent of the scrotum configuration, increased gradually from the proximal to the distal region, being wider (average = 68,91µm) in GIII's animals. In the medial region of bipartite scrotum the epidermis showed to be thinner than on the raphe in animals of unique scrotum. The dermis, rare in fat tissue, showed a greater quantity of sweat apocrine glands in the animal of GIII, average of 18,12GS mm-2, while in the GI's, 16,14GS mm-2 and GII, 14,82GS mm-2, suggesting a greater production of sweat that could favor the lost of heat by evaporation. About the number of sebaceous glands, there was no statistic difference among the groups.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

82

Disponibilidade, acúmulo e toxidez de cádmio e zinco em milho cultivado em solo contaminado/ Cadmium and zinc availability, accumulation and toxicity in maize grown in a contaminated soil

Cunha, Karina Patrícia Vieira da; Nascimento, Clístenes Williams Araújo do; Pimentel, Rejane Magalhães de Mendonça; Accioly, Adriana Maria de Aguiar; Silva, Airon José da
2008-06-01

Resumo em português O crescente acúmulo de metais pesados em solos, como conseqüência de atividades antrópicas, tem causado grande interesse nos estudos de extratores destes elementos, bem como no estabelecimento de seus níveis tóxicos críticos em solos. Um experimento foi realizado em casa de vegetação com os objetivos de: (a) estudar a eficiência de diferentes extratores (DTPA, EDTA, Mehlich-1 e Mehlich-3) na avaliação da disponibilidade de Cd e Zn para plantas de milho cultiva (mais) das em solo corrigido e não corrigido com calcário; (b) avaliar o efeito da aplicação de Cd e Zn no crescimento e acúmulo desses metais em plantas de milho, e (c) identificar sintomas visuais de toxidez e alterações anatômicas em folhas e raízes de milho expostas a esses metais. Para tanto, plantas de milho foram cultivadas durante 30 dias em um Argissolo Vermelho-Amarelo que recebeu doses crescentes de Cd (0, 1, 3, 5, 10 e 20 mg kg-1) ou de Zn (0, 10, 30, 50, 100 e 150 mg kg-1) com ou sem uma dose de calcário necessária à elevação do pH a 6,0. Ao final do período de cultivo, as plantas foram analisadas quanto aos teores de Cd e Zn, os quais foram correlacionados com os teores desses no solo por ocasião do plantio. Correlações altamente significativas foram encontradas entre todos os extratores testados e os teores de metais absorvidos pelas plantas. O aumento das doses de metais promoveu redução da produção de biomassa, além de aumentar o conteúdo destes metais nas plantas. Os níveis críticos tóxicos de Cd para o Argissolo variaram de 8,7 a 13,1 mg kg-1, enquanto para Zn esses valores situaram-se entre 74,1 e 110,7 mg kg-1, respectivamente, para solos com e sem calagem, dependendo do extrator considerado. Os sintomas visuais de toxidez de Cd foram clorose, encarquilhamento e enrolamento de folhas. Para Zn, os sintomas tóxicos mais comuns foram clorose internerval e marginal, associada à necrose no ápice e margens das folhas. O aumento da lignificação das paredes celulares da epiderme e colênquima, do tecido vascular e da endoderme foi associado a níveis críticos tóxicos de Cd e de Zn no solo. Resumo em inglês A greenhouse experiment was carried out to evaluate: (a) the soil Cd and Zn availability to maize plants with and without liming, using the DTPA, EDTA, Mehlich-1, and Mehlich-3 extractants; (b) The effect of Cd and Zn doses on plant growth and metal accumulation in maize; and (c) toxicity symptoms and anatomical changes in leaves and roots exposed to Cd and zinc. Maize was grown for 30 days in soil contaminated with either Cd (0, 1, 3, 5, 10, 20 mg kg-1) or Zn (0, 10, 30, (mais) 50, 100, 150 mg kg-1). Highly significant correlations were found between all extractants tested and metal plant contents. The metal addition to soil reduced biomass production and increased Cd and Zn plant contents. The critical toxicity value for Cd in soil varied from 8.7 to 13.1 mg kg-1, whereas for Zn this value lied between 74.1 to 110.7 mg kg-1, depending on liming and extractant type. Interveinal and marginal chlorosis together with necrosis in the leaf apex and along the margins were observed for Zn treatments. On the other hand, leaf chlorosis, shriveling and curling were the most common symptoms in cadmium-damaged plants. Increased cell wall lignification in vascular tissues, epidermis, collenchyma, and endoderm cells were associated to critical toxicity values of Cd and Zn in soil.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

83

Reação cutânea grave induzida por carbamazepina no tratamento da neuralgia pós-herpética: relato de caso/ Severe carbamazepine-induced cutaneous reaction in the treatment of post-herpetic neuralgia: case report/ Reacción cutánea grave inducida por la carbamazepina en el tratamiento de la neuralgia postherpética: relato de caso

Garcia, João Batista Santos; Ferro, Letácio Santos Garcia; Carvalho, Anamada Barros; Rocha, Rosyane Moura da; Souza, Livia Maria Lima de
2010-08-01

Resumo em português JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: O herpes zoster tem como principal complicação a neuralgia pós-herpética (NPH). Utiliza-se para o tratamento a carbamazepina (CXB), um anticonvulsivante bem tolerado, porém frequentemente associado a reações Cutâneas graves, como, por exemplo, a síndrome de Stevens-Johnson (SSJ) e a necrólise epidérmica tóxica (NET). O objetivo deste trabalho é relatar um caso de SSJ/NET secundário ao uso de CBZ em paciente com NPH. RELATO DO CASO: (mais) Paciente do sexo feminino, com dor contínua em região torácica e dorso, intensa, em queimação, fisgada, choque, alteração de força de membro superior ipsilateral e sudorese. Apresentava lesões crostosas e eritematosas em região dorsal do tórax, com alodinia e disestesias em dermátomo acometido. Iniciou-se CBZ 300 mg.dia-1, amitriptilina (AMT) 12,5 mg à noite e infiltração com anestésico local na região afetada. Após 15 dias, referia mal-estar, febre, dores musculares e artralgias com rash cutâneo leve e inespecífico. Retirou-se a carbamazepina imediatamente. Uma semana depois, foi internada com urticária e exantema generalizados, erupções Cutâneas eritematosas, bolhosas e máculas purpúricas por todo o corpo. A impressão era de SSJ/NET induzida por carbamazepina. Houve progressiva piora do quadro, com aumento do número e do tamanho das lesões Cutâneas, além de rash eritematoso macular generalizado, áreas de necrose e erosões, com destacamento simétrico da epiderme em face, pescoço, tórax, dorso e membros acometendo mais de 50% da área de superfície, além de envolvimento da mucosa bucal, conjuntival e genital com erosões vesiculares. Apresentou piora funcional progressiva, evoluindo com choque séptico e falência múltipla de órgãos, indo a óbito. CONCLUSÕES: A SSJ/NET é uma reação Cutânea grave com potencial para morbidade e mortalidade elevadas e que demanda intervenção rápida e tratamento adequado. Fica também o alerta para o uso da carbamazepina, que deve sempre ser supervisionado, especialmente em idosos. Resumo em espanhol JUSTIFICATIVA Y OBJETIVOS: El herpes zoster tiene como principal complicación la neuralgia postherpética (NPH). Para su tratamiento se usa la carbamazepina (CBZ), un anticonvulsivo bien tolerado, pero que sin embargo está a menudo asociado a reacciones cutáneas graves, como por ejemplo, el síndrome de Stevens-Johnson (SSJ) y la necrólisis epidérmica tóxica (NET). El objetivo de este trabajo es relatar un caso de SSJ/NET secundario al uso de CBZ en paciente con NPH (mais) . RELATO DEL CASO: Paciente del sexo femenino, con dolor continuo e intenso en la región torácica y dorso, ardor, punzada, descarga eléctrica, alteración de fuerza del miembro superior ipsilateral y sudoración. Presentaba lesiones de postillas y eritemas en la región dorsal del tórax, con alodinia y disestesias en el dermatoma acometido. Se inició CBZ 300 mg.día-1, amitriptilina (AMT)12,5 mg por la noche e infiltración con anestésico local en la región afectada. Después de 15 días, el paciente decía sentir un fuerte malestar, fiebre, dolores musculares y artralgias con rash cutáneo ligero e inespecífico. Se le retiró la carbamazepina inmediatamente. Una semana después fue ingresado con urticaria y exantema generalizados, erupciones cutáneas eritematosas, burbujas y marcas purpúricas por todo el cuerpo. La impresión era de SSJ/NET inducida por carbamazepina. Hubo un progresivo empeoramiento del cuadro, con aumento del número y del tamaño de las lesiones cutáneas, además de rash eritematoso macular generalizado, áreas de necrosis y erosiones simétricas de la epidermis en la cara, cuello, tórax, dorso y miembros, llegando a más del 50% del área de superficie, además de la involucración de la mucosa bucal, conjuntival y genital con erosiones vesiculares. Presentó un empeoramiento funcional progresivo, evolucionando con choque séptico y fracaso multiorgánico, lo que produjo finalmente su deceso. CONCLUSIONES: La SSJ/NET es una reacción cutánea grave con potencial para la morbilidade y mortalidad elevadas y que exige una intervención rápida y un manejo adecuado. También alertamos sobre el uso de la carbamazepina, que debe siempre ser inspeccionado, especialmente en los ancianos. Resumo em inglês BACKGROUND AND OBJECTIVES: Post-herpetic neuralgia (PHN) is the main complication of herpes zoster. Carbamazepine (CBZ), a well-tolerated anticonvulsant, but frequently associated with severe cutaneous reactions, such as the Stevens-Johnson syndrome (SJS) and toxic epidermal necrolysis (TEN) is used in the treatment of this complication. The objective of this article was to report a case of SJS/TEN secondary to CBZ in a patient with PHN. CASE REPORT: This is a female pati (mais) ent with continuous severe, burning, chock-like pain in the thoracic region and dorsum associated with reduced strength in the ipsilateral upper limb and diaphoresis. She had crusty and erythematous lesions in the dorsal region of the thorax with allodynia and dysesthesia in the affected dermatome. She was treated with CBZ 300 mg.day-1, amitriptyline (AMT) 12.5 mg at bedtime, and infiltration with local anesthetic in the affected region. After 15 days, she developed malaise, fever, muscle pain, and arthralgia with a mild non-specific cutaneous rash. Carbamazepine was discontinued immediately. One week later, she was hospitalized with urticaria, generalized exanthema, erythematous cutaneous eruptions, bullae, and purpuric maculae all over her body. The impression was of carbamazepine-induced SJS/TEN. She evolved with progressive worsening of her symptoms, with increase in the number and size of cutaneous lesions, besides generalized erythematous macular rash, areas of necrosis, and erosions with symmetrical loosening of the epidermis in face, neck, thorax, dorsum, and limbs, affecting more that 50% of her body surface, besides involvement of buccal, conjunctival, and genital mucosa with vesicular erosions. She had progressive functional worsening, evolving to septic shock and multiple organ failure followed by death. CONCLUSIONS: Stevens-Johnson syndrome and toxic epidermal necrolysis are severe cutaneous reaction with potential for elevated morbidity and mortality that requires immediate intervention and adequate management. In addition, we would like to alert that the use of Carbamazepine should be supervised, especially in the elderly.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

84

Anatomia foliar de Bauhinia blakeana Dunn.

Ferreira, J.L.P.; Velasco, E.; Paula, A.E.S.; Araújo, R.B.; Pacheco, J.M.
2003-01-01

Resumo em português São observadas as características microscópicas das folhas de Bauhinia blakeana Dunn., espécie conhecida no Brasil como "Pata de vaca" e usada pela população como hipoglicemiante. As análises dos cortes transversais e das dissociações epidérmicas indicam a presença de um mesofilo dorsiventral contendo espaços intercelulares, protegido por epidermes com tricomas de diversos aspectos e estômatos paracíticos e anomocíticos. O pecíolo, plano-convexo, pubescent (mais) e, apresenta duas saliências, colênquima angular e feixes vasculares colaterais e bicolaterais. Resumo em inglês The paper describes the microscopic characteristics of the leaves of Bauhinia blakeana Dunn., known in Brazil as "pata de vaca" and used as a hypoglycemic remedy. Transverse sections and epidermal dissociations indicate the presence of a dorsiventral mesophyll protected by epidermis with trichomes of diverse types and paracytic and anomocytic stomata. The petiole, which is plane-convex, pubescent, shows two excrescences, an angular collenchyma and collateral and bicollateral vascular bundles.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

85

Morfologia foliar de Theobroma grandiflorum Schum/ Foliar morphology of Theobroma grandiflorum Schum

Ferreira, Maria das Graças Rodrigues; Nogueira, Adriana Ema; Damião Filho, Carlos Ferreira
2008-04-01

Resumo em português As folhas de Theobroma grandiflorum Schum. são morfologicamente descritas. A espécie apresenta elementos histológicos comuns para a família, destacando-se tipos de tricomas, estômatos e contornos das células epidérmicas em visão frontal. Empregou-se microscopia eletrônica de varredura para a caracterização de segmentos foliares jovens, em que ficou evidenciada a presença de tricomas estrelados nas superfícies adaxial e abaxial dos mesmos. As folhas de cupuaç (mais) u são hipoestomáticas com número elevado de estômatos anomocíticos. As nervuras principais apresentaram-se desprovidas de tricomas, com estômatos esparsamente distribuídos. Resumo em inglês The cupuassu leaves are morphologically described. The species present common histological elements in the family, showing types of trichomes, stomata and epidermal cells on the surface view. Young foliar segments were photographed with scanning electron microscopy, where trichomes with star form were detected in the adaxial and abaxial epidermis. The cupuassu leaves are hypostomatic with high numbers anomocytic stomata. The main veins of the cupuassu leaves did not show trichomes, and stomata were sparsely distributed.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

86

Micromorfologia da superfície do aquênio em Bulbostylis Kunth (Cyperaceae)/ Micromorphology of achene surface in Bulbostylis Kunth (Cyperaceae)

Prata, Ana Paula do Nascimento; Thomas, William Wayt; Wanderley, Maria das Graças Lapa
2008-12-01

Resumo em português Bulbostylis possui aproximadamente 150 espécies, distribuídas nas regiões tropicais e subtropicais de ambos os hemisférios. Caracteres morfológicos da superfície do aquênio, em microscopia eletrônica de varredura, foram utilizados para diferenciar 38 das 45 espécies de Bulbostylis Kunth (Cyperaceae) ocorrentes no Brasil, permitindo o reconhecimento de três padrões de ornamentação da superfície do aquênio: tuberculado, reticulado e transversalmente rugoso. A (mais) lém destes, outros caracteres de interesse taxonômico foram observados, tais como a variação na escultura primária do aquênio, a ornamentação das paredes anticlinais, a presença ou ausência de corpos silicosos e o contorno das células epidérmicas. Resumo em inglês Bulbostylis comprises approximately 150 species distributed in the tropics and subtropics of both hemispheres. The morphology of the achene surface, using scanning electron microscopy, was used to differentiate 38 species of Bulbostylis Kunth (Cyperaceae) and revealed the presence of three patterns of ornamentation on the achene surface: tuberculate, reticulate, and transversely rugose. Other characters of taxonomic interest were also observed, including the primary sculp (mais) turing, the ornamentation of the anticlinal cell walls of the epidermis, the presence or absence of silica bodies, and the shape of the epidermal cells.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

87

Anatomia foliar de seis espécies de anonáceas cultivadas in vitro e em casa de vegetação/ Leaf anatomy of six species of Annonacea cultivated in vitro and greenhouse

Santana, José Raniere Ferreira de; Oliveira, Lenaldo Muniz de; Paiva, Renato; Resende, Rodrigo Kelson Silva; Castro, Evaristo Mauro; Pereira, Flávia Dionísio
2008-11-01

Resumo em português A micropropagação de anonáceas poderá contribuir para a obtenção de plantios mais homogêneos e a inserção de novas espécies em sistemas produtivos. Entretanto, plantas cultivadas in vitro freqüentemente exibem alterações anatômicas e sua quantificação poderá auxiliar na obtenção de protocolos de cultivo mais eficientes. Realizou-se neste trabalho o estudo comparativo da anatomia foliar de seis espécies de anonáceas cultivadas in vitro e em casa de veg (mais) etação. Annona coriacea foi a única espécie que não apresentou variação na densidade e na dimensão dos estômatos quando cultivada in vitro, enquanto que, Annona bahiensis, Annona glabra, Annona squamosa e Rolinia silvatica apresentaram aumento na densidade estomática e na redução na espessura das epidermes foliares nesse tipo de cultivo. Resumo em inglês Micropropagation of Annonaceae can produce homogeneous plants and bring new species into commercial production. Plants cultivated in vitro, however, frequently demonstrate anatomical alterations, and the quantification of these changes should aid in determining more efficient culture protocols. The present work undertook a comparative study of the leaf anatomy of six species of Annonaceae cultivated in vitro and in greenhouses. Annona coriacea was the only species that di (mais) d not show variations in the density or the dimensions of their stomata when cultivated in vitro, while Annona bahiensis, Annona glabra, Annona squamosa, and Rolinia silvatica demonstrated increases in leaf stomatal density and a reduction of the leaf epidermis under these conditions.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

88

Caracterização anatômica das folhas de Cunila microcephala Benth. (Lamiaceae)/ Anatomic characterization of Cunila microcephala Benth. (Lamiaceae) leaves

Toledo, Maria da Graça Teixeira de; Alquini, Yedo; Nakashima, Tomoe
2004-12-01

Resumo em português No presente trabalho fez-se a análise da organização estrutural das folhas de Cunila microcephala em microscopia fotônica e microscopia eletrônica de varredura. Seguiram-se as técnicas convencionais no preparo do material para obtenção das lâminas semipermanentes. Para a preparação de lâminas permanentes utilizou-se a técnica de inclusão em glicol metacrilato (GMA). A organização estrutural das folhas desta espécie revela: estômatos em ambas as faces com (mais) predominância na face abaxial (folha anfi-hipoestomática). Os estômatos da face adaxial são do tipo diacítico. As paredes anticlinais das células epidérmicas da face adaxial são sinuosas e apresentam espessamentos irregulares. As epidermes de ambas as faces são uniestratificadas. Tricomas tectores unisseriados e tricomas glandulares do tipo capitado unicelular e pluricelular se fazem presentes em ambas as faces. O mesofilo é heterogêneo dorsiventral. Idioblastos contendo cristais de inulina se fazem presentes em toda a extensão do limbo. A nervura principal em secção transversal, na porção mediana da lâmina foliar revela uma organização bastante simples, pouco saliente, na qual o parênquina clorofiliano paliçádico apresenta solução de continuidade. Os feixes vasculares são colaterais. Resumo em inglês This work has focused on the structural organization analysis of Cunila microcephala leaves in photonic microscopic and electronic scanning. Conventional techniques have been used to prepare the material for obtaining semi-permanent plates. For the preparation of permanent plates, the immersion into glycol methacrylate (GMA) has been performed. The structural organization of leaves belonging to this species reveals stomata in both faces with predominance in the abaxial fa (mais) ce (amphihypostomatic leaf). The adaxial face stomata belongs to the diacytic type. The anticlinal walls of the epidermis cells of the adaxial face are sinuous and present irregular thickening. The epidermis of both faces is single layered. Uniserial tectorial trichomes and single celled and multicelled capitate glandular trichomes are present in both faces. The mesophyll is heterogeneous dorsi-ventral. Idioblasts containing inulin crystals are present throughout the foliar plate. The central veins in cross-section, in the medium portion of the foliar plate, have shown a very simple organization, not an outstanding one, where the chlorophyllian palisade parenchyma presents a solution of continuity. The vascular fagots are collateral.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

89

Organogênese em capítulos florais e avaliação de características anatômicas da folha de Gerbera jamesonii Adlam/ Capitulum organogenesis and anatomical characterization of Gerbera jamesonii Adlan leaves

Rezende, Rodrigo Kelson Silva; Paiva, Luciano Vilela; Paiva, Renato; Chalfun Júnior, Antônio; Torga, Paula Pereira; Castro, Evaristo Mauro de
2008-06-01

Resumo em português Objetivou-se determinar um protocolo de micropropagação por organogênese indireta em capítulos florais de gérbera (Gerbera jamesonii Adlam) e comparar as características anatômicas de folhas de gérbera obtidas in vitro com as mantidas em condições in vivo. Capítulos florais de gérbera foram utilizados como fonte inicial de explantes para a indução de calos e regeneração. As brotações obtidas foram enraizadas in vitro e, após 30 dias, as plântulas foram (mais) aclimatizadas. Posteriormente, foram realizados estudos anatômicos de folhas provenientes do cultivo in vivo e in vitro. Obtiveram-se em média 3,2 brotações e 6,6 folhas a partir da indução de calos em capítulos florais de gérbera. Foi observada a formação de raízes na ausência e na presença de ANA, obtendo-se 100% de enraizamento. A suplementação do meio de cultura com doses crescentes de ANA promoveram um aumento linear no número de raízes e no comprimento médio de raízes. As plântulas provenientes do cultivo in vitro apresentaram taxa de 100% de sobrevivência na aclimatização. As estruturas foliares desenvolvidas in vivo apresentaram as epidermes adaxial e abaxial, parênquimas paliçádico e esponjoso mais espessos que no cultivo in vitro. O sistema vascular em folhas produzidas in vivo é mais desenvolvido que in vitro. Resumo em inglês The objective was to determine a micropropagation protocol for indirect organogenesis and to compare the anatomical characteristics of leaves of gerbera (Gerbera jamesonii Adlam) obtained in vitro with the leaves maintained in vivo conditions. Capitulum explants of gerbera were taken as an initial source of explants to induce callus and regeneration. The obtained shoots were rootted in vitro and after 30 days seedlings were acclimatized.Thus, anatomical studies of leaves (mais) originating from of the in vivo and in vitro cultivation were taken. On average it was obtained 3,2 shoots and 6,6 leaves from the induction of callus in capitulum explants of gerbera. The formation of roots was observed in the presence and absence of NAA, obtaining 100% of rooting. The supplementation of NAA to the medium promoted a linear increase in the number of roots and in the mean length of roots. Seedlings from the in vitro cultivation showed rate of 100% of survival in the acclimatization. The foliar structures developed in vivo showed adaxial epidermis, palisade parenchyma, spongy parenchyma and abaxial epidermis thicker than in the in vitro cultivation. The vascular system in leaves produced in vivo is more developed than in vitro.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

90

Eliminação transepidérmica de parasitas na doença de Jorge Lobo/ Transepidermal elimination of parasites in Jorge Lobo's disease

Miranda, Mario F. R.; Costa, Vivian S. da; Bittencourt, Maraya de Jesus S; Brito, Arival C. de
2010-02-01

Resumo em português FUNDAMENTOS: A eliminação transepidérmica de parasitas (ETEP) tem sido pouco estudada na doença de Jorge Lobo. OBJETIVOS: Identificar aspectos morfológicos da ETEP na doença de Jorge Lobo. MÉTODOS: Recortes de biópsias de doença de Jorge Lobo emblocados em parafina foram corados pela hematoxilina-eosina e examinados. Considerou-se como ETEP, exclusivamente, a presença de parasitas em estruturas epidérmicas. RESULTADOS: Foram incluídas no estudo 40 biópsias de (mais) 37 pacientes (31 homens e seis mulheres, média de idade 51,03 anos, variação 29-80 anos) realizadas em um período de 37 anos (1967-2003), das quais foram obtidos 511 cortes (média de 12,77 cortes por caso, variação 2-39 cortes por caso). Observou-se ETEP em 110/511 (21,52%) e não se observou em 401/511 cortes (78,48%) (p 0,05). Os parasitas dispunham-se em infundíbulos hiperplásicos, formando catênulas, ou como unidades isoladas, associados ou não a células inflamatórias. CONCLUSÕES: Aspectos consistentes com ETEP, embora observados em número estatisticamente não significante de pacientes da amostra (p > 0,05), sugerem que, na doença de Jorge Lobo, o fenômeno, invariavelmente, ocorra através do epitélio infundibular. Estudos futuros serão necessários para avaliar sua eventual importância na epidemiologia da micose. Resumo em inglês BACKGROUND: Few studies have focussed on the transepidermal elimination of parasites in Jorge Lobo's disease (lobomycosis). OBJECTIVE: To identify the morphological features of the transepidermal elimination of parasites in lobomycosis. METHODS: Sections were obtained from paraffin-embedded biopsy specimens of patients with lobomycosis and stained with hematoxylin-eosin for microscopic examination. Only the presence of parasites in epidermal structures was considered to c (mais) onstitute transepidermal elimination. RESULTS: Forty biopsies from 37 patients were included in the study (31 males and 6 females). The mean age of patients was 51.03 years (range 29-80 years). Biopsies performed over a period of 37 years (1967-2003) were used, from which 511 sections were obtained (a mean of 12.77 sections per case; range 2-39 sections per case). Transepidermal elimination of parasites was found in 110/511 (21.52%) and was absent in 401/511 sections (78.48%) (p0.05). Parasites in the epidermis were detected within hyperplastic infundibula, either connected in chains or as isolated units, associated or not with inflammatory cells. CONCLUSION: Features consistent with transepidermal elimination of parasites were found in a statistically nonsignificant number of patients in the sample (p>0.05), suggesting that in Jorge Lobo's disease, this phenomenon invariably occurs through the infundibular epithelium. Future studies are required to evaluate the significance of this finding in the epidemiology of mycosis.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

91

Caracterização anatômica de folhas de cafeeiros resistentes e suscetíveis ao bicho-mineiro/ Anatomical characterization of leaves from coffee plants resistant and susceptible to leaf miner

Ramiro, Daniel Alves; Guerreiro-Filho, Oliveiro; Queiroz-Voltan, Rachel Benetti; Matthiesen, Silvia Chebabi
2004-12-01

Resumo em português O bicho-mineiro, Leucoptera coffeella (Guérin-Méneville, 1842) (Lepidoptera :Lyonetiidae), é a principal praga da cultura cafeeira, chegando a causar prejuízos superiores a 50% na produção, em virtude da queda prematura das folhas e redução da área fotossintética. O programa de melhoramento genético do cafeeiro do Instituto Agronômico (IAC) utiliza a espécie Coffea racemosa como doadora de genes de resistência a L. coffeella para C. arabica. O objetivo deste (mais) trabalho foi realizar uma caracterização comparativa do tecido foliar e relacioná-la ao ataque de L. coffeella nas espécies genitoras C. arabica e C. racemosa, e em plantas híbridas oriundas desse cruzamento, com diferentes níveis de resistência, visando fornecer ferramentas para futura identificação dos genes de resistência ao bicho-mineiro. Cortes transversais de folhas foram usados em estudos anatômicos para obter medidas individuais da espessura das cutículas, epidermes, parênquima paliçádico, parênquima lacunoso, espessura total da folha e porcentagem do mesofilo representada pelo parênquima paliçádico. As lesões provocadas pelo inseto foram medidas após um e quatro dias da eclosão das lagartas, em cada um dos tratamentos. Existem diferenças na espessura dos tecidos foliares entre as espécies C. arabica e C. racemosa, porém não houve diferenças entre plantas híbridas resistentes e suscetíveis, sugerindo que as características avaliadas não estão relacionadas ao mecanismo de resistência a L. coffeella. Nas avaliações das lesões, observou-se o crescimento reduzido dos insetos em plantas resistentes, sugerindo que a resistência das plantas se deve à presença de substâncias químicas no parênquima paliçádico. Resumo em inglês The leaf miner Leucoptera coffeella (Guérin-Méneville, 1842) (Lepidoptera: Lyonetiidae) is the major pest of coffee culture, being responsible for significant production losses as result of premature leaf fall, and consequent reduction of the photosynthetic area. The Coffee Breeding Program of the Agronomic Institute (IAC) has transferred through crossing genes that confer resistance to leaf miner from Coffea racemosa to the susceptible species C. arabica. The main obje (mais) ctive of this study was to characterize leaf tissues, at histological level, from the parental species C. racemosa and C. arabica, and also from hybrids exhibiting different resistance levels. Histological analyses were performed in leaf transversal sections, and included measurements of cuticles and epidermis thickness, total palisade and spongy parenchyma, total leaf thickness, and percentage of the palisade parenchyma from total mesophyll. Results revealed that there were significant differences in leaf thickness between parental species C. arabica and C. racemosa. However, in hybrids no such difference could be observed between resistant and susceptible progenies, suggesting that the anatomical differences of parental genotypes are not related to resistance mechanisms to L. coffeella. When leaf lesions caused by insect attack were measured one and four days after larvae eclosion a slow insect development was observed in resistant plants, which could be related to a presence of specific chemicals in the palisade parenchyma.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

92

Avaliação da atividade de indutores de resistência abiótica, fungicida químico e extratos vegetais no controle da podridão-negra em Abacaxi 'Pérola'/ Activity evaluation of abiotic resistance inducers, chemical fungicide and natural plant extracts on black rot of pineapple, cv. pérola

Oliveira, Mônica Danielly de Mello; Nascimento, Luciana Cordeiro do
2009-03-01

Resumo em português A podridão-mole ou podridão-negra, causada pelo fungo Chalara paradoxa (De Seyn.) Sacc., é uma doença de pós-colheita que pode ser responsável por perdas elevadas, tanto em frutos para consumo in natura, quanto naqueles destinados à indústria de processamento. O corte do pedúnculo e ferimentos na casca do fruto favorecem a infecção. O objetivo do presente trabalho foi avaliar o efeito de indutores de resistência abiótica, fungicida e extratos vegetais no cont (mais) role da podridão-negra em abacaxi. Os isolados foram obtidos de frutos coletados no município de Santa Rita, Paraíba, que apresentaram sintomas da doença. Utilizaram-se 32 frutos de cv. 'Pérola', lavados em água corrente e desinfestados com hipoclorito de sódio (produto comercial) a 4,0%, por cinco minutos. Após secagem em temperatura ambiente, os frutos foram pulverizados com os tratamentos: 1) ADE (água destilada esterilizada); 2) Derosal; 3) BION® (Acibenzolar-S-Methyl); 4) Ecolife® (Quinabra); 5) Agro-Mos® (mananoligossacarídeo fosforilado); 6) extrato de alho a 20%; 7) extrato de cebola a 20%, e 8) extrato de nim a 20%. Os frutos tratados permaneceram em câmara úmida por 24 horas, antes da inoculação com um disco de micélio (6mm) do fungo, incubado em BDA a 25±2ºC e fotoperíodo de 12 horas e colocado sobre um ferimento na região da casca. A avaliação do progresso da doença foi realizada seguindo-se escala de notas, onde: 1 - Ausência de sintomas; 2 - Podridãonegra em área da casca equivalente a 1-5 frutilhos; 3 - Podridão-negra em área da casca equivalente a 6-10 frutilhos; 4 - Podridão inicial da polpa com coloração pardo-amarelada; 5 - Podridão e desintegração da polpa atingindo área superior a 50% do fruto. O delineamento experimental foi o inteiramente casualizado, com oito tratamentos e quatro repetições, utilizando os modelos lineares generalizados com distribuição multinomial, sendo as médias comparadas pelo teste de Scott-Knott, a 5% de probabilidade. O tratamento que apresentou melhor resultado foi o indutor de resistência Ecolife®, aumentando o período de vida útil dos frutos e diminuindo a severidade dos sintomas da doença. Resumo em inglês Black rot of pineapple, caused by Chalara paradoxa (De Seyn.) Sacc., is a postharvest disease responsible by high losses on fruits destined to the fresh market and to the processing industry. Penetration of fungus inside cells occurs through wounds and stem cutting, causing infection. The objective of this work was to evaluate the effect of abiotic resistance inducers, chemical fungicide and natural plant extracts on black rot of pineapple control. 32 fruits of pineapple (mais) cv pérola were used. They were disinfested with sodium hypochlorite (commercial product) at 4% for 5 minutes. After drying at room temperature, fruits were treated, by spraying, with: 1) Distilled water (control), 2) Derosal 3) Bion® (Acibenzolar-S-methyl); 4) Ecolife®; 5) Agro-Mos®; 6) Allium sativum extract at 20%; 7) A. cepa at 20% and 8) Azadirachta indica at 20%. Treated fruits were incubated on humid chamber with polyethylene bags during 24 hours before inoculation procedure using a mycelia disk added to a wound at the epidermic area of the fruit. Evaluation of disease progress was done by a disease index: 1- no symptoms, 2- black rot on epidermis reaching 1-5 simple fruits, 3- black rot on epidermis reaching 6-10 simple fruits, 4- internal brown yellow rot, 5- black rot and disintegration of internal area in more than 50%. The experimental design was a completely randomized with eight treatments and five replicates, using general linear models with multinomial distribution and the averages were compared by Scott-Knott test at 5%. The best results were found in the Ecolife treatment with longer fruit life span and less severity in the symptoms of the disease.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

93

Xantogranuloma órbito-palpebral: relato de caso/ Xantogranuloma of the eyelid and orbit: case report

Schellini, Silvana Artioli; Sampaio Junior, Amilton de Almeida; Marques, Mariângela Esther Alencar; Corpa, Marcus Vinicius de Nigro
2004-06-01

Resumo em português Xantogranuloma é doença histiocítica, caracterizada por lesões amareladas na pele ou na derme, acompanhadas ou não de alterações hematológicas ou neoplasias. O objetivo deste é relatar o caso de uma mulher de 39 anos, com queixa de "inchaço" progressivo nas pálpebras superiores, há 6 anos, indolor, sem alterações sistêmicas. O exame histológico mostrou infiltração maciça da pele, tecido muscular e gordura orbitária por histiócitos xantomatosos e abund (mais) antes células gigantes do tipo Touton. O diagnóstico foi de xantogranuloma do adulto. Os autores comentam os diagnósticos diferenciais, assim como a necessidade de exames periódicos, devido ao risco de associação com doenças sistêmicas malignas. Resumo em inglês Xantogranuloma is a histiocytic disease, characterized by yellowish lesions affecting the epidermis or the dermis, with or without hematological abnormalities and malignancy. The purpose of this paper is to report a 39-year-old woman with bilateral, progressive, painless swelling in both eyelids and anterior orbit, onset 6 years ago, with no systemic alterations. Histology of the excised tissue showed dermis, muscles and orbital fat with xantomatous histiocytes and "Touto (mais) n" giant cells. The diagnosis was xantogranuloma of the adult. The authors call attention to other differential diagnosis and the necessity of periodical examinations because of the possibility of associated malignancies and systemic diseases.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

94

Isolamento de Pasteurella spp. e Vibrio spp. em robalos (Dicentrarchus labrax): susceptibilidade a diferentes grupos de antibióticos/ Isolation of Pasteurella spp. and Vibrio spp. in European sea bass (Dicentrarchus labrax): susceptibility to different antibiotic groups

Saavedra, M.J.; Brito, R.D.; Sousa, M.; Alves, A.; Rema, P.
2004-04-01

Resumo em inglês The most frequent infectious diseases that affect fish are those of bacterial origin. In European sea bass fish farms (Dicentrarchus labrax) are included Vibrio spp., Pasteurella piscicida and Myxobacter spp. In addition to these, it is also possible to find, although lesser frequently, other pathogenic agents such as Pseudomonas spp., Aeromonas spp., Staphylococcus epidermis, Streptococcus spp. and Enterobacter spp. The presence of these micro-organisms in fish farms con (mais) tributes for a significant decrease in fish production and subsequent loss of profitability in these aquaculture units. The use of antibiotics may therefore be necessary as a prophylactic measure although their systematic utilization leads to the development of strains of antibiotic resistant bacteria. Bearing that in mind, a survey was conducted on the susceptibility of isolated strains of bacteria found in juvenile European sea bass. It was concluded that chloranphenicol and tetracycline are two important antibiotic alternatives for therapy against isolated bacterial agents.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

95

Influência do estádio de maturação e do armazenamento pós-colheita na germinação e desenvolvimento inicial do maracujazeiro-amarelo/ Influence of the maturity stage and post-harvest storage in germination and initial development processes of yellow passion fruit

Negreiros, Jacson Rondinelli da Silva; Wagner Júnior, Américo; Álvares, Vírginia de Souza; Silva, José Osmar da Costa e; Nunes, Endson Santana; Alexandre, Rodrigo Sobreira; Pimentel, Leonardo Duarte; Bruckner, Claudio Horst
2006-04-01

Resumo em português O maracujazeiro está entre as principais fruteiras cultivadas no País, sendo a propagação por sementes o método predominante na produção de mudas. Para obtenção de sementes de boa qualidade, um dos aspectos que devem ser considerados é o momento de sua coleta, que pode ser determinada pelo estádio de desenvolvimento do fruto. O objetivo deste trabalho foi verificar a influência do estádio de maturação dos frutos e de armazenamento pós-colheita sobre a germ (mais) inação e o desenvolvimento inicial de maracujazeiro-amarelo (Passiflora edulis f. flavicarpa). O trabalho foi realizado na Universidade Federal de Viçosa (MG). As sementes utilizadas foram extraídas de frutos em três estádios de maturação (estádio 1 - verde começando a alterar sua coloração para amarela; estádio 2 - fruto com 5 até 50% de coloração amarela, e estádio 3 - fruto com mais de 50% de coloração amarela) e quatro períodos de armazenamento pós-colheita (0; 3; 6 e 9 dias) à temperatura ambiente. Posteriormente, as sementes foram semeadas em caixas plásticas com areia fina lavada. Foi utilizado o delineamento experimental em blocos casualizados, num fatorial 3 x 4 (estádio de maturação x período de armazenamento), com quatro repetições, considerando como unidade experimental cada 50 sementes. Conclui-se que a extração de sementes de maracujazeiro-amarelo deve ser realizada de frutos em estádio de maturação 2 e 3. Já o desenvolvimento das mudas de maracujazeiro-amarelo é melhor observado mantendo os frutos durante 3 a 6 dias em armazenamento antes da extração de suas sementes. Resumo em inglês The passion fruit is among the main fruit crops cultivated in Brazil. The propagation is predominantly by seeds. Seeds with good quality should be collected at adequate development stage, which can be established according to the fruit maturity stage. The aim of this work was to verify the influence of the fruit maturity stage and the post-harvest storage in the germination and initial development of the seedlings of yellow passion fruit (Passiflora edulis f. flavicarpa). (mais) The work was carried out in the Federal University of Viçosa (MG), Brazil. The seeds used were extracted of fruits in three fruit maturity stages (stage 1 - green beginning to alter its fruit epidermis coloration to yellow; stage 2 - fruit with 5 until 50% yellow epidermis coloration and stage 3 - fruit with more than 50% yellow epidermis coloration), and four post-harvest storage periods (0, 3, 6 and 9 days) at room temperature. After, the seeds were sowed in plastic boxes with fine washed sand. The experiment was designed in completely randomized blocks, in a factorial 3 x 4 (maturity stage x post-harvest storage period), with four replications, where each plot was constituted by 50 seeds. It was concluded that, the yellow passion fruit seeds should be extracted at the fruit maturity stages 2 or 3. For the development process of the yellow passion fruit seedlings it was recommended to store the fruits during 3 to 6 days before the seeds extraction.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

96

Hidrólise enzimática de casca de arroz utilizando-se celulases: efeito de tratamentos químicos e fotoquímicos/ Enzymatic hydrolysis of rice hull using cellulases: effect of chemical and photochemical treatments

Reyes, Juan; Peralta-Zamora, Patricio; Durán, Nelson
1998-04-01

Resumo em inglês In the present work we reported the study of rice hull enzymatic hydrolysis using a commercial cellulase preparation. The results showed that previous treatment with light and sodium chlorite inhibits the enzymatic process (31.4 and 11.8%, respectively) while hydrogen peroxide and ozone favoured the enzymatic production of reducing sugars (5.9 and 54.9%, respectively). Studies performed by quimiluminescence showed that the chlorite treatment produced the most significant (mais) change in the structure of rice hull. Nevertheless, this treatment did not favour the subsequent enzymatic process. Photomicrographs obtained from rice hull hydrolysates showed that pre-treatment changed mainly the inner epidermis and parenchyma cell and that they did not change cellular organization of the hull.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

97

Farmacodermia em um cão após administração de antibióticos do grupo betalactâmico: relato de caso/ Pharmacodermia in a dog after administration of beta-lactam antibiotics: case report

Aleixo, G.A.S.; Coelho, M.C.O.C; Andrade, L.S.S; Maia, F.C.L; Mota, A.K.R; Guerra, N.S; Oliveira, L.K.R.B; Silva, C.E.S; Lacerda, M.A.S
2010-12-01

Resumo em inglês A severe cutaneous reaction in a female dog after administration of penicillin and cephalexin is described, in which the main signs presented by the patient were fever, lack of appetite, and detachment of epidermis in the dorsal region of body.The established treatment was surgical debridement of the region, topical application of Aloe Vera with sugar, and systemic antibiotic therapy with ciprofloxacin, resulting in the recovery and wound closure in approximately 45 days.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

98

Estudo histológico, imuno-histoquímico e ultra-estrutural das lesões induzidas experimentalmente por Ramaria flavo-brunnescens (Clavariaceae) em bovinos/ Microscopic, immunohistochemical, and ultra-structural study of the lesions experimentaly induced by Ramaria flavo-brunnescens (Clavariaceae) in cattle

Schons, Sandro V.; Kommers, Glaucia D.; Pereira, Guisepe M.; Raffi, Margarida B.; Schild, Ana Lucia
2007-07-01

Resumo em português O objetivo deste trabalho foi estudar a patogenia das lesões observadas em bovinos intoxicados experimentalmente por Ramaria flavo-brunnescens. O cogumelo foi administrado imediatamente após a coleta a três bovinos da raça Jersey com 9-10 meses de idade. A dose diária administrada foi cerca de 20g/kg de peso vivo durante 7 (Bovino 1) e 13 dias (Bovinos 2 e 3), perfazendo doses totais de 140, 268 e 261g/kg de peso vivo a cada bovino, respectivamente. Um bovino (Bovino (mais) 4) da mesma raça e idade foi utilizado como controle. Os sinais clínicos observados nos bovinos intoxicados, caracterizaram-se por apatia, anorexia, hiperemia da mucosa oral, alisamento da superfície dorsal da língua e queda dos pêlos longos da cauda quando levemente tracionados. Os bovinos foram submetidos à eutanásia e necropsiados no 8º (Bovino 1) e no 16º dia (Bovinos 2-4) após o início do experimento. Histologicamente observou-se o epitélio da superfície dorsal da língua estreito com ausência das papilas filiformes, vacuolização dos queratinócitos e desprendimento da camada queratinizada. Na região laminar dos cascos observou-se vacuolização das lâminas epidérmicas, hiperplasia dos queratinócitos e queratinização irregular e flocular. Na pele da extremidade da cauda havia hiperqueratose ortoqueratótica, vacuolização da bainha radicular externa, espessamento da queratina triquilêmica e infiltrado inflamatório mononuclear ao redor dos folículos. No estudo imunohistoquímico, utilizando os anticorpos anti-pancitoqueratina e anti-Ki67 (para marcação da proliferação celular) não foram observadas diferenças entre o epitélio da superfície dorsal da língua dos bovinos intoxicados e o do bovino controle. No estudo por microscopia eletrônica, observou-se diminuição dos tonofilamentos e espaços intercelulares acentuadamente dilatados na camada espinhosa do epitélio da língua. Os resultados obtidos neste trabalho favorecem a hipótese de ação do princípio tóxico de Ramaria flavo-brunnescens sobre os mecanismos que envolvem a queratinização dos epitélios em bovinos. Resumo em inglês The objective of this study was to investigate the pathogenesis of the lesions observed in cattle experimentally poisoned by Ramaria flavo-brunnescens. The mushroom was given to three 9 to10-month-old Jersey calves immediately after harvesting. Daily doses were around 20g/kg of body weight during 7 (Calf 1) or 13 days (Calves 2-3), and the total doses of mushroom given were 140, 268, and 261g/kg of body weight, respectively. One calf (Calf 4) with same age and breed was u (mais) sed as control. Clinical signs were characterized by prostration, anorexia, hyperemia of oral mucosa, and loosening of long hairs of the tail tip under mild traction. The calves were submitted to euthanasia and necropsied on days 8 (Calf 1) and 15 (Calves 2-4) after the beginning of the experiment. Microscopically, there was smoothness of dorsal epithelium of tongue with absence of filiform papillae, vacuolation of keratinocytes, and loosening of the keratin layer. In the hooves, there was vacuolation and irregular keratinization of the laminar epidermis and hyperplasia of keratinocytes. Hyperkeratosis, vacuolation of the external root sheath, thickening of tricholemal keratin, and inflammatory infiltration around hair follicles were observed on the skin of the tail tip. Immunohistochemical results with anti-pancytoceratin and anti-Ki67 (cell proliferation marker) antibodies showed no differences between the tongue dorsal epithelium of the control and experimental calves. Ultrastructural study demonstrated decrease in tonofilaments and increased intercellular spaces of the spinous layer of the tongue dorsal epithelium. The results of this study favor the hypothesis of an interference with the epithelial keratinization mechanisms by the toxic principles of Ramaria flavo-brunnescens.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

99

Anatomia foliar de plantas de alfavaca-cravo cultivadas sob malhas coloridas/ Leaf anatomy of alfavaca-cravo plants cultivated under colored nets

Martins, Joeferson Reis; Alvarenga, Amauri Alves; Castro, Evaristo Mauro de; Silva, Ana Paula Oliveira da; Oliveira, Cynthia; Alves, Eduardo
2009-02-01

Resumo em português No presente trabalho, foi avaliado o efeito do controle espectral da luz sobre características anatômicas de folhas em Ocimum gratissimum L. As plantas foram cultivadas por quatro meses sob malhas de 50% de sombreamento nas cores preta, vermelha e azul e a pleno sol. Plantas submetidas a pleno sol apresentaram maior espessura foliar, maior densidade estomática e maior densidade de tricomas tectores e glandulares na face adaxial. As plantas cultivadas sob malhas colorid (mais) as não exibiram diferenças quanto à espessura e à área foliar. As plantas mantidas sob malha vermelha tiveram a menor densidade estomática na face adaxial, já as plantas mantidas sob malhas azul e vermelha exibiram maior área foliar total. As plantas mantidas sob malha vermelha apresentaram a menor densidade estomática e as menores densidades de tricomas tectores e glandulares na face adaxial. Tais resultados mostram que tanto a intensidade como a qualidade espectral da luz pode ser modulada durante o cultivo de Ocimum gratissimum L. a fim de serem obtidas características anatômicas desejáveis. Resumo em inglês In the present research, the effect of spectral control of light was evaluated on anatomical characteristics of Ocimum gratissimum L. leaves. The plants were cultivated during four months under black, red and blue nets with 50% of shade, and full sunlight. Plants grown under full sunlight showed higher leaf thickness, higher stomatal density and higher density of no-glandular and glandular trichomes on the adaxial epidermis. Plants cultivated under colored nets did not sh (mais) ow differences in leaf thickness or leaf area. Plants maintained under red net had the lowest stomatal density in adaxial epidermis, as the plants cultivated under blue and red nets exhibited the largest leaf area. The plants maintained under red net showed the smallest stomatal density and the smallest non-glandular and glandular trichomes density in the adaxial epidermis. Such results show that the spectral quality and intensity of light can be modulated during the cultivation of Ocimum gratissimum L. plants in order to obtain desirable anatomical characteristics.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

100

Anatomia e histoquímica dos órgãos vegetativos de Polygonum hydropiperoides Michx., Polygonaceae/ Anatomical and histochemical characters of Polygonum hydropiperoides Michaux, Polygonaceae

Lopes, Daniela E. Silva; Oliveira, Virgínia Del Carmen; Macedo, João F.; Oliveira, Alaíde Braga de; Jácome, Rose Lisieux R. Paiva
2009-09-01

Resumo em português Polygonum hydropiperoides Michaux é uma espécie conhecida popularmente como "erva-de-bicho", amplamente utilizada na medicina tradicional como anti-hemorroidal, antiinflamatória e antidiarréica. O presente trabalho tem como objetivo a caracterização anatômica e histoquímica da folha, caule e raiz, que constituem a droga vegetal, visando estabelecer parâmetros para o controle de qualidade. O material vegetal foi fixado e submetido às técnicas usuais de microscop (mais) ia de luz e aos testes histoquímicos. A folha é anfiestomática, dorsiventral e com estômatos paracíticos e anisocíticos. É comum a presença de estruturas secretoras como: tricomas glandulares capitados e glândulas epidérmicas e subepidérmicas em ambas as faces da lâmina foliar e também no caule. O material secretado pelas glândulas apresenta composição heterogênea de lipídios e flavonóides, segundo análises histoquímicas. Cristais de oxalato de cálcio e grãos de amido são freqüentes em células parenquimáticas da folha e do caule. Compostos fenólicos estão presentes na folha (parênquima paliçádico), no caule (parênquima cortical e floema) e na raiz (parênquima cortical). Resumo em inglês P. hydropiperoides is popularly known as "erva-de-bicho", and it is used in traditional medicine as anti-hemorroidal, anti-inflammatory and antidiarrhoeic. The present work has as objective the anatomical and histochemical characterization of leaf, stem and root that are used as drug in order to offer elements for quality control. The botanical material was prepared for the usual optical and histochemical microtechniques. The leaf is amphistomatic, dorsiventral and paracy (mais) tic and anisocytic stomata. It is common to find the presence of secretory structures as: capitate glandular trichomes and secretory glands on both epidermis, that are also present in stem. The secretion material is heterogeneous composition of lipids and flavonoids. Druses of calcium oxalate and starch are common in parenchyma cells of leaf and stem. Phenolic compounds are present in leaf (palisade parenchyma), in stem (cortical parenchyma and phloem) and root (cortical parenchyma).

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)