Sample records for energy beam deposition
from WorldWideScience.org

Sample records 1 - 3 shown.



1

Redução de incertezas em radioterapia utilizando simulação Monte Carlo: análise espectral aplicada à correção de dose absorvida/ Reduction of uncertainties in radiotherapy assessed by Monte Carlo simulation: spectral analysis applied to absorbed dose correction

Marques, Tatiana; Alva-Sánchez, Mirko; Nicolucci, Patrícia
2010-04-01

Resumo em português OBJETIVO: Determinar, por simulação Monte Carlo, os espectros de feixes de cobaltoterapia em profundidade na água e fatores de correção para doses absorvidas em dosímetros termoluminescentes de fluoreto de lítio. MATERIAIS E MÉTODOS: As simulações dos espectros secundários da fonte clínica de cobalto-60 foram realizadas com o código Monte Carlo PENELOPE, em diversas profundidades na água. Medidas experimentais de dose profunda foram obtidas com dosímetros t (mais) ermoluminescentes e câmara de ionização em condições de referência em radioterapia. Os fatores de correção para os dosímetros termoluminescentes foram obtidos através da razão entre as absorções relativas ao espectro de baixa energia e ao espectro total. RESULTADOS: A análise espectral em profundidade revelou a existência de espectros secundários de baixa energia responsáveis por uma parcela significativa da deposição de dose. Foram observadas discrepâncias de 3,2% nas doses medidas experimentalmente com a câmara de ionização e com os dosímetros termoluminescentes. O uso dos fatores de correção nessas medidas permitiu diminuir a discrepância entre as doses absorvidas para, no máximo, 0,3%. CONCLUSÃO: Os espectros simulados permitem o cálculo de fatores de correção para as leituras de dosímetros termoluminescentes utilizados em medidas de dose profunda, contribuindo para a redução das incertezas associadas ao controle de qualidade de feixes clínicos em radioterapia. Resumo em inglês OBJECTIVE: To calculate spectra of cobalt-60 beam at water depth and correction factors for absorbed dose measurements obtained with lithium fluoride thermoluminescent dosimeters using Monte Carlo simulation. MATERIALS AND METHODS: The simulations of secondary spectra of clinical cobalt-60 sources were performed with the PENELOPE Monte Carlo code at different water depths. Experimental measurements of deep doses were obtained with thermoluminescent dosimeters and ionizati (mais) on chamber under reference conditions for radiotherapy. Correction factors for the thermoluminescent dosimeters detectors were obtained through the ratio between the relative energy absorption for the low energy spectrum and the total spectrum. RESULTS: Deep spectral analysis has demonstrated the presence of secondary low-energy spectra responsible for a significant portion of the dose deposition. Discrepancies of 3.2% were observed among the doses measured with ionization chamber and thermoluminescent dosimeters. The adoption of correction factors has allowed a reduction in the discrepancy among absorbed doses to a maximum of 0.3%. CONCLUSION: Simulated spectra allow the calculation of correction factors for reading of thermoluminescent dosimeters utilized in the measurement of deep doses, contributing for the reduction of uncertainties associated with quality control of clinical beams in radiotherapy.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

2

Os efeitos do laser hélio-neônio de baixa intensidade na cicatrização de lesões cutâneas induzidas em ratos/ Effects of low-level helium-neon laser on induced wound healing in rats

Busnardo, Viviane L.; Biondo-Simões, Maria L. P.
2010-02-01

Resumo em português OBJETIVO: Avaliar os efeitos do laser de baixa potência hélio e neônio (HeNe) na cicatrização de feridas cutâneas de ratos. MÉTODOS: Sessenta ratos Wistar foram divididos em grupos controle e experimento. Utilizou-se ferida incisional, longitudinal, dorso-mediana, suturada com pontos separados simples. No grupo experimento, as feridas foram irradiadas diariamente com aparelho de laser de HeNe com potência contínua máxima de 5mW, comprimento de onda de 632,8 nm, (mais) visível com densidade de energia de 4J/cm², área de raio do laser de 0,015cm², durante 36 segundos, em três pontos da lesão. As feridas foram avaliadas no 3º, no 7º e no 14º dia de pós-operatório. Cortes histológicos foram corados com hematoxilina-eosina (H&E) e avaliados segundo protocolo de Vizzotto et al. (2003)* para identificar o tipo de reação inflamatória e com Picrosirius para identificar os colágenos I e III e o índice de maturidade da cicatriz (IMaC). Utilizou-se imunoistoquímica com anti-CD45-LCA para o reconhecimento das células inflamatórias. RESULTADOS: Ambos os grupos mostraram o mesmo padrão inflamatório. No grupo experimento, observaram-se menos células inflamatórias nos três tempos estudados (p Resumo em inglês OBJECTIVE: To evaluate the effects of low-level helium-neon (HeNe) laser on cutaneous wound healing in rats. METHODS: Sixty Wistar rats were divided into control group and experimental group. A sutured longitudinal, dorsal-medial incision was made, with simple separate stitches. The experimental group was irradiated daily in three areas of the wound with HeNe laser (5mW maximum continuous power, 632.8 nm wavelength, 4 J/cm² energy density and 0.015 cm² laser beam area) (mais) for 36 seconds. The areas were evaluated on the third, seventh and fourteenth days postoperative. Histological sections were stained with hematoxylin-eosin to determine the type of inflammatory reaction according to the protocol by Vizzotto et al. (2003)* and with Picrosirius to identify types I and III collagen and the collagen maturation index (CMI). Immunohistochemical detection was employed with anti-CD45-LCA to recognize the inflammatory cells. RESULTS: Both groups had the same inflammatory pattern. The experimental group had fewer inflammatory cells at the three evaluation times (p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

3

Análise da distribuição espacial de dose absorvida em próton terapia ocular/ Spatial distribution analysis of absorbed dose in ocular proton radiation therapy

Christóvão, Marília Tavares; Campos, Tarcísio Passos Ribeiro de
2010-08-01

Resumo em português OBJETIVO: Propõe-se avaliar os perfis de dose em profundidade e as distribuições espaciais de dose para protocolos de radioterapia ocular por prótons, a partir de simulações computacionais em código nuclear e modelo de olho discretizado em voxels. MATERIAIS E MÉTODOS: As ferramentas computacionais empregadas foram o código Geant4 (GEometry ANd Tracking) Toolkit e o SISCODES (Sistema Computacional para Dosimetria em Radioterapia). O Geant4 é um pacote de software (mais) livre, utilizado para simular a passagem de partículas nucleares com carga elétrica através da matéria, pelo método de Monte Carlo. Foram executadas simulações computacionais reprodutivas de radioterapia por próton baseada em instalações pré-existentes. RESULTADOS: Os dados das simulações foram integrados ao modelo de olho através do código SISCODES, para geração das distribuições espaciais de doses. Perfis de dose em profundidade reproduzindo o pico de Bragg puro e modulado são apresentados. Importantes aspectos do planejamento radioterápico com prótons são abordados, como material absorvedor, modulação, dimensões do colimador, energia incidente do próton e produção de isodoses. CONCLUSÃO: Conclui-se que a terapia por prótons, quando adequadamente modulada e direcionada, pode reproduzir condições ideais de deposição de dose em neoplasias oculares. Resumo em inglês OBJECTIVE: The present study proposes the evaluation of the depth-dose profiles and the spatial distribution of radiation dose for ocular proton beam radiotherapy protocols, based on computer simulations in nuclear codes and an eye model discretized into voxels. MATERIALS AND METHODS: The employed computational tools were Geant4 (GEometry ANd Tracking) Toolkit and SISCODES (Sistema Computacional para Dosimetria em Radioterapia - Computer System for Dosimetry in Radiothera (mais) py). Geant4 is a toolkit for simulating the passage of particles through the matter, based on Monte Carlo method. Computer simulations of proton therapy were performed based on preexisting facilities. RESULTS: Simulation data were integrated into SISCODES on the eye's model generating spatial dose distributions. Dose depth profiles reproducing the pure and modulated Bragg peaks are presented. Relevant aspects of proton beam radiotherapy planning are considered such as material absorber, modulation, collimator dimensions, incident proton energy and isodose generation. CONCLUSION: The conclusion is that proton therapy when properly modulated and directed can reproduce the ideal conditions for the dose deposition in the treatment of ocular tumors.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)