Sample records for emphysema
from WorldWideScience.org

Sample records 1 - 20 shown. Select sample records:



1

Enfisema lobar congénito: Relato de caso/ Congenital lobar emphysema: Study of a case

Fatureto, Marcelo Cunha; Ferreira, Daniel Pinheiro; Ferraz, Danilo Amaro; Santos, João Paulo Vieira dos; Maia, Samantha Andrade
2008-12-01

Resumo em português O enfisema lobar congênito (ELC) é uma malformação pouco frequente do desenvolvimento pulmonar, que pode ser a causa de insuficiência respiratória em lactentes. Esta doença caracteriza -se pela hiperinsuflação de um ou mais lobos pulmonares com compressão de parênquima normal e deslocamento contralateral do mediastino, causando insuficiência respiratória. O diagnóstico clínico é confirmado por exames radiológicos simples. O tratamento de escolha nos casos (mais) graves é a lobectomia, que apresenta resultados superiores ao tratamento clínico. Nosso propósito é relatar um caso desta rara patologia em lactente atendida em nosso serviço com quadro de insuficiência respiratória grave, sendo submetida a exames complementares tendo diagnóstico presuntivo de ELC. A doente foi submetida à lobectomia superior esquerda, com excelente evolução pós-operatória. Resumo em inglês Congenital Lobar Emphysema (CLE) is a rare malformation of lung development, which may be the cause of respiratory insufficiency in the suckling child. It is produced by the hyperinsufflation of one or more lung lobs with compression of the normal lung parenchyma and contralateral displacement of the mediastinum. Clinical diagnosis is confirmed by simple radiology exams. Lobectomy has better results than clinical treatment and should be chosen. Our purpose is to present o (mais) ne case of this rare illness in a newborn seen in our service with serious respiratory insufficiency and after complementary exams, CLE was confirmed. The patient was submitted to a surgical procedure (lobectomy) with an excellent post surgery evolution. Child is asymptomatic in long term follow up.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

2

Enfisema subcutâneo pós-amigdalectomia: relato de caso/ Subcutaneous emphysema after tonsillectomy: case report/ Enfisema subcutáneo después de amigdalectomia: relato del caso

Lima, Walter Luiz Ferreira; Correa, Nivaldo Simões; Campos, José Luiz de; Navarro, Paulo Moraes; Correia, Luciano de Oliveira
2005-08-01

Resumo em português JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: A amigdalectomia é considerada um procedimento relativamente seguro. O objetivo deste relato foi mostrar uma complicação rara desta cirurgia, o enfisema subcutâneo. RELATO DO CASO: Paciente do sexo masculino, 25 anos, com amigdalite recorrente e hipertrofia de cornetos. Foi submetido a amigdalectomia e turbinectomia sob anestesia geral com intubação orotraqueal. A operação transcorreu sem intercorrências. Na sala de recuperação pós-a (mais) nestésica (SRPA) o paciente agitou-se, apresentando grande esforço físico. Quatro horas após a cirurgia, notou-se edema crepitante e depressível no pescoço e na região parotídea esquerda, característico de enfisema subcutâneo. A tomografia computadorizada mostrou a existência de ar nas regiões malar e cervical (principalmente à esquerda), atingindo até o mediastino superior. Não houve obstrução das vias aéreas e o estado geral do paciente permaneceu estável. Teve alta hospitalar no dia seguinte e foi acompanhado no ambulatório. O enfisema regrediu totalmente após 10 dias. CONCLUSÕES: O enfisema subcutâneo é uma complicação rara da amigdalectomia, ocorrendo quase sempre após dissecções profundas da mucosa faríngea, quando se cria interface porosa que proporciona a entrada do ar. O aumento da pressão nas vias aéreas superiores pode contribuir para o problema. Resumo em espanhol JUSTIFICATIVA Y OBJETIVOS: La amigdalectomia se considera como un procedimiento relativamente seguro. El objetivo de este relato fue mostrar una complicación rara de esta cirugía, el enfisema subcutáneo. RELATO DEL CASO: Paciente del sexo masculino, 25 años, con amigdalitis recurrente e hipertrofia de cornetes. Fue sometido a amigdalectomia y turbinectomia bajo anestesia general con intubación orotraqueal. La operación transcurrió sin intercurrencias. En la sala de (mais) recuperación pos-anestésica (SRPA) el paciente se agitó, presentando grande esfuerzo físico. Cuatro horas después de la cirugía, se notó un edema crepitante y depresible en el cuello y en la región parotídea izquierda, característico de enfisema subcutáneo. La tomografía computadorizada mostró la existencia de aire en las regiones malar y cervical (principalmente a la izquierda), alcanzando hasta el mediastino superior. No hubo obstrucción de las vías aéreas y el estado general del paciente permaneció estable. Tuvo alta hospitalario en el día siguiente y fue acompañado en el ambulatorio. El enfisema retrocedió totalmente después de 10 días. CONCLUSIONES: El enfisema subcutáneo es una complicación rara de la amigdalectomia, ocurriendo casi siempre después de disecciones profundas de la mucosa faríngea, cuando se crea interface porosa que proporciona la entrada del aire. El aumento de la presión en las vías aéreas superiores puede contribuir para el problema. Resumo em inglês BACKGROUND AND OBJECTIVES: Tonsillectomy is considered a relatively safe procedure. This report aimed at describing an uncommon complication of this surgical procedure: subcutaneous emphysema. CASE REPORT: Male patient, 25 years old, admitted for recurrent tonsillitis and hypertrophic nasal turbinates. Tonsillectomy and nasal cauterization were performed under general anesthesia with tracheal intubation. Surgery was uneventful. At post-anesthetic recovery unit (PACU), pat (mais) ient was agitated and performing major physical effort. Four hours after surgery, gross and crepitus swelling of neck and left parotid region, typical of subcutaneous emphysema, was noted. CT scan has revealed free air in the malar and cervical regions (especially to the left), reaching upper mediastinum. There was no airway obstruction and his general condition was stable. Patient was discharged one day after and was followed on ambulatory basis. Emphysema was no longer clinically evident 10 days after. CONCLUSIONS: Subcutaneous emphysema is an uncommon complication of tonsillectomy, appearing almost ever after deeper dissections of the pharyngeal mucosa, when a porous surface is created, thus providing a route for the entry of air. Increased upper airway pressure may contribute to this injury.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

3

Enfisema bolhoso associado a consumo de drogas/ Bullous emphysema associated with drug abuse

Figueiredo, Sandra; Fernandes, Gabriela; Morais, António
2010-01-01

Resumo em português O enfisema bolhoso é caracterizado pelo aumento dos espaços aéreos distais ao bronquíolo terminal com perda das paredes alveolares. Várias etiologias têm sido descritas, nomeadamente a deficiência de alfa1-antitripsina e o consumo de tabaco. À excepção da deficiência de alfa1-antitripsina, alguns casos de enfisema bolhoso no jovem continuam sem etiologia conhecida. Têm sido descritos alguns casos associados a consumo de drogas. O tabagismo associado ao consumo (mais) de drogas possivelmente criará as condições para o desenvolvimento de bolhas, com particular exuberância pelos lobos superiores. Os autores descrevem dois casos clínicos de doentes jovens, com história de consumo de drogas inaladas e enfisema bolhoso. Resumo em inglês Bullous emphysema is characterized by permanent enlargement of airspaces distal to the terminal bronchiole accompanied by destruction of alveolar walls. Several aetiologies have been described, namely deficiency of a1-antitrypsin and the consumption of tobacco. With the exception of the deficiency of a1-antitrypsin, some cases of bullous emphysema in the young adult continue without known aetiology. Some cases of bullous emphysema have been described, emphasising the rela (mais) tionship between the disease and drug consumption. The association possibly creates the conditions for the development of large lung bullae, with particular exuberance for the superior lobes. The authors describe two clinical cases of young patients, with history of consumption of smoked subs tance abuse and bullous emphysema.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

4

Enfisema subcutâneo durante inclusão de prótese mamária: relato de caso/ Subcutaneous emphysema during breast augmentation: case report/ Enfisema subcutáneo durante inclusión de prótesis mamaria: relato de caso

Franco, Talita; Franco, Diogo; Treiger, Natan
2007-08-01

Resumo em português JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: A ocorrência de enfisema subcutâneo na parede torácica durante procedimento cirúrgico onde se realizou infiltração de anestésico pode sugerir a presença de pneumotórax e suas possíveis complicações. A ocorrência de pneumotórax durante mamoplastia de aumento já foi descrita. Contudo, não foram encontrados na literatura pesquisada, relatos de presença isolada de enfisema subcutâneo nesse tipo de procedimento. O objetivo deste rel (mais) ato foi ressaltar a importância de adequada monitoração do paciente no intra-operatório, da integração dos membros da equipe e descrever o enfisema subcutâneo, isolado, em paciente submetida à inclusão de próteses mamárias. RELATO DO CASO: Paciente com 27 anos, 1,70 m, 54 kg, apresentava hipomastia bilateral, tendo sido submetida à inclusão de próteses mamárias em plano retroglandular. O procedimento foi realizado sob anestesia geral inalatória, associada à infiltração de solução anestésica, em plano subcutâneo, da área a ser manipulada. Durante a operação percebeu-se crepitação, característica de enfisema subcutâneo, em extensa área anterior do tórax. Não houve alteração nos parâmetros de monitoração da paciente. A radiografia realizada no pós-operatório confirmou o quadro clínico e descartou a ocorrência de outras complicações. CONCLUSÕES: A ocorrência de enfisema subcutâneo durante inclusão de próteses mamárias pode ser um dado inocente, mas é importante verificar as condições clínicas da paciente e afastar a possibilidade de pneumotórax. Resumo em espanhol JUSTIFICATIVA Y OBJETIVOS: La incidencia de enfisema subcutáneo en la pared torácica durante procedimiento quirúrgico donde se realizó infiltración de anestésico puede sugerir la presencia de neumotórax y sus posibles complicaciones. La incidencia de neumotórax durante mamoplastía de aumento ya fue descrita, pero no se encontraron en la literatura investigada, relatos de presencia aislada de enfisema subcutáneo en este tipo de procedimiento. El objetivo de este (mais) relato fue resaltar la importancia de un adecuado monitoreo del paciente en el intraoperatorio, de la integración de los miembros del equipo y describir el enfisema subcutáneo, aislado, en paciente sometida a la inclusión de prótesis mamarias. RELATO DEL CASO: Paciente con 27 años, 1,70 m, 54 kg, presentaba hipomastia bilateral, habiendo sido sometida a la inclusión de prótesis mamarias en plan retroglandular. El procedimiento fue realizado bajo anestesia general inhalatoria, asociada a la infiltración de solución anestésica en plan subcutáneo, del área a ser manipulada. Durante la operación se notó crepitación, característica de enfisema subcutáneo, en extensa área anterior del tórax. No hubo alteración en los parámetros de monitoreo de la paciente. La radiografía realizada en el postoperatorio confirmó el cuadro clínico y descartó la incidencia de otras complicaciones. CONCLUSIONES: La incidencia de enfisema subcutáneo durante inclusión de prótesis mamarias puede ser un dato insignificante, pero es importante verificar las condiciones clínicas de la paciente y apartar la posibilidad de neumotórax. Resumo em inglês BACKGROUND AND OBJECTIVES: Subcutaneous emphysema of the thoracic wall during a surgical procedure with infiltration of local anesthetics may suggest the presence of pneumothorax and its complications. The development of pneumothorax during breast augmentation has already been reported; however, we did not find any reports in the literature on isolated subcutaneous emphysema during this type of procedure. The objective of this report was to emphasize the importance of ade (mais) quate intraoperative monitoring of the patient, integration of team members, and describe the isolated subcutaneous emphysema in a patient during breast augmentation. CASE REPORT: A 27 years old patient with 1.70 m and 54 kg, with bilateral hypomasty, underwent breast augmentation in a retroglandular plane. It was done under inhalational general anesthesia associated with infiltration of an anesthetic solution in the subcutaneous tissue in the area to be manipulated. During the procedure, crepitation, characteristic of subcutaneous emphysema, was observed over a large area of the anterior thorax. There were no changes in monitoring parameters. Postoperative chest X-rays confirmed the clinical diagnosis and ruled out the presence of other complications. CONCLUSIONS: Subcutaneous emphysema during breast augmentation can be an innocent sign, but it is important to evaluate the patient to rule out the presence of a pneumothorax.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

5

Enfisema lobar congênito diagnosticado em paciente adulta/ Congenital lobar emphysema diagnosed in an adult patient

PORTO, ANTONIO S.; MAGALHÃES, EVANDRO M.S.; COPPINI, MICHELE M.; FREITAS, VIVIANE P.
2000-09-01

Resumo em português O enfisema lobar congênito é uma doença na qual as manifestações clínicas, quase sempre, aparecem nos primeiros seis meses de idade. Neste relato, os primeiros sintomas surgiram em uma paciente de 20 anos, quando desenvolveu um pneumotórax espontâneo, acontecimentos esses excepcionais. São revistas as possíveis etiologias dessa malformação congênita pulmonar e são justificadas as razões para a manutenção do tratamento conservador. Resumo em inglês Congenital lobar emphysema is a disease in which symptoms often begin during the first six months of age. In this report, the authors present the case of a twenty-year-old woman whose symptoms started when she had a spontaneous pneumothorax, an exceptional occurrence. The possible etiologies for that congenital lung malformation and the reasons for the performance of a conservative treatment are discussed.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

6

Enfisema orbitário compressivo após asseio nasal: relato de caso/ Sight-threatening orbital emphysema after nose blowing: case report

Furlani, Bruno de Albuquerque; Diniz, Bruno; Bitelli, Luis Gustavo; Martins, Elisabeth Nogueira
2009-04-01

Resumo em português O enfisema orbitário é caracterizado pela presença anormal de ar na órbita. Sua ocorrência espontânea não é frequente e a maioria dos casos está associada à fratura de órbita. Relatamos o caso de uma paciente do sexo feminino de 40 anos com quadro de enfisema orbitário unilateral, secundário a asseio vigoroso do nariz. A paciente evoluiu com redução aguda da acuidade visual em decorrência de elevação da pressão intraocular, sendo indicado tratamento de (mais) urgência. Foi realizada punção orbitária com agulha 24-gauge próximo à região da incisura supraorbital, com melhora imediata do quadro clínico e recuperação da acuidade visual. Resumo em inglês Orbital emphysema is the abnormal presence of air in the orbit. Occurrence in the absence of orbital fracture is rare. We report a case of a 40-year-old female presenting unilateral orbital emphysema after vigorous nose blowing. She developed sudden visual loss as a result of elevated intraocular pressure and urgent treatment was required. She underwent an orbital decompression, performed using a 24-gauge needle puncture adjacent to the supraorbital notch. After treatment, she reported considerable decrease of symptoms.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

7

Enfisema subcutâneo maciço - Tratamento com drenos subcutâneos/ Massive subcutaneous emphysema - Management using subcutaneous drains

Sucena, Maria; Coelho, Fernando; Almeida, Teresa; Gouveia, António; Hespanhol, Venceslau
2010-04-01

Resumo em português O enfisema subcutâneo é uma complicação relativamente comum na sequência de técnicas invasivas, procedimentos cirúrgicos e algumas patologias médicas. Na maior parte dos casos apenas causa sintomatologia minor e o tratamento é habitualmente conservador. Mesmo quando grave, raramente tem consequências patofisiológicas significativas, apesar de ser extremamente desconfortável para o doente. Os autores descrevem um caso clínico de enfisema subcutâneo maciço, d (mais) e rápida instalação, após saída acidental de tubo de drenagem torácica, em doente com pneumotórax espontâneo secundário e fístula broncopleural. O enfisema foi tratado através da colocação, sob anestesia local, de dois drenos subcutâneos na parede anterossuperior do tórax, conectados a sacos de drenagem. Após a colocação dos drenos subcutâneos verificou-se uma franca melhoria clínica do doente, com descompressão eficaz do enfisema subcutâneo. No presente caso clínico, a técnica de drenagem do enfisema maciço mostrou-se simples, segura e eficaz, permitindo o alívio sintomático imediato. Resumo em inglês Massive subcutaneous emphysema is a relatively common complication in invasive techniques, surgical practice and some medical conditions. Subcutaneous emphysema is usually treated conservatively and may only cause minimal symptoms. Even when it is severe, subcutaneous emphysema rarely has pathophysiologic consequences, but it is extremely uncomfortable for the patient. The authors report a case of massive and rapid developing subcutaneous emphysema following chest tube di (mais) splacement in a patient with spontaneous secondary pneumothorax and large air leak. The emphysema was treated with two subcutaneous drains, inserted using local anesthesia, on both sides of the chest (antero-superior thoracic wall), connected to drainage bags. The drains produced a dramatic clinical improvement and provided effective decompression of the subcutaneous emphysema. In this clinical case, the technique of drainage of severe subcutaneous emphysema using subcutaneous drains was safe, easy and effective, affording immediate symptom relief.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

8

Enfisema subcutâneo causado por sonda nasofaríngea para administração de oxigênio suplementar: relato de caso/ Subcutaneous emphysema induced by supplementary oxygen delivery nasopharyngeal cannula: case report/ Enfisema subcutáneo causado por sonda nasofaríngea para la administración de oxígeno suplementario: relato de caso

Gasparini, Juliano Rodrigues; Ferreira, Luciano Costa; Rangel, Victor Hugo Mariath
2010-10-01

Resumo em português JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: A ocorrência de enfisema subcutâneo atingindo face, pescoço e tórax está bem documentada em casos de procedimentos odontológicos, cirurgia de cabeça e/ou pescoço e trauma craniofacial. Sua ocorrência sem lesão reconhecida das mucosas é rara. Este relato descreve um caso clínico em que o enfisema ocorreu sem uma lesão óbvia. RELATO DO CASO: Paciente do sexo masculino, hígido, submetido a anestesias peridural e local associadas à s (mais) edação, para a realização de lipoaspiração de abdome e região submentoniana. Procedimento sem intercorrências até posicionar uma sonda nasofaríngea para administrar oxigênio suplementar. Descreve também uma abordagem alternativa para sua resolução. CONCLUSÕES: Embora raro, o enfisema subcutâneo pode ter graves repercussões. A drenagem linfática manual pode ser uma opção para o tratamento da complicação estética Resumo em espanhol JUSTIFICATIVA Y OBJETIVOS: La incidencia del enfisema subcutáneo que llega a la cara, cuello y tórax está bien documentada en casos de procedimientos odontológicos, cirugía de cabeza y/o cuello y trauma craneofacial. Su aparecimiento sin lesión reconocida de las mucosas es raro. Este relato describe un caso clínico en que el enfisema se dio sin una lesión obvia. RELATO DEL CASO: Paciente del sexo masculino, sano, sometido a anestesias epidural y local, asociadas a (mais) la sedación para la realización de liposucción de abdomen y de la región submentoniana. Procedimiento sin intercurrencias hasta colocar una sonda nasofaríngea para administrar oxígeno suplementario. También describe un abordaje alternativo para su resolución. CONCLUSIONES: Aunque sea raro, el enfisema subcutáneo a veces puede tener graves consecuencias. El drenaje linfático manual puede ser una opción para el tratamiento de la complicación estética Resumo em inglês BACKGROUND AND OBJECTIVES: The development of subcutaneous emphysema involving face, neck, and thorax has been well-documented in cases of odontologic procedures, head and/or neck surgery, and craniofacial trauma. Its development without known damage to the mucosa is rare. This report describes the case of a patient who developed emphysema without an obvious lesion. CASE REPORT: This is a male patient, healthy, undergoing epidural blockade and local anesthesia associated (mais) with sedation for lipoaspiration of the abdomen and submentonian region. Intercurrences were not observed during the procedure until a nasopharyngeal cannula was placed for oxygen administration. We also describe an alternative approach for its resolution. CONCLUSIONS: Although rare, subcutaneous emphysema can have serious repercussions. Manual lymphatic drainage can be an option for the treatment of this aesthetical complication

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

9

Enfisema subcutâneo e pneumomediastino após amigdalectomia: relato de caso/ Onset of subcutaneous emphysema and pneumomediastinum after tonsillectomy: a case report

Panerari, Ângelo C. D.; Soter, Ana C.; Silva, Flavio La Porta da; Oliveira, Luis F. de; Neves, Mayra D'Andrea R.; Cedin, Antonio C.
2005-02-01

Resumo em português Várias complicações podem estar relacionadas a procedimentos cirúrgicos na área de cabeça e pescoço. Entre elas, o pneumomediastino, pneumotórax e enfisema subcutâneo ocorrem raramente. Relatamos o caso de uma paciente submetida a tonsilectomia palatina que evoluiu com enfisema subcutâneo da região cervical, torácica e pneumomediastino. Em cirurgias de tonsilas palatinas devem ser observados cuidados com a intubação, uso de máscara sob pressão positiva com (mais) oxigênio na recuperação anestésica, atos cirúrgicos intempestivos e uso de aparelhos que proporcionem lesão excessiva na loja tonsiliana a fim de se evitar as complicações descritas. Resumo em inglês Several complications can be related to surgical approaches of head and neck regions. Among those, there are rare conditions such as pneumomediastinum, pneumothorax and subcutaneous cervical emphysema. This study reports a case of a patient that developed pneumomediastinum, pneumothorax and subcutaneous emphysema after undergoing tonsillectomy. In order to reduce these complications in surgical approaches such as tonsillectomy, care should be taken with intubation, use of (mais) oxygen mask for positive pressure ventilation during anesthesia recovery, aggressive surgical maneuvers and use of surgical instruments that may cause deep tonsillar injuries.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

10

Avaliação computacional de enfisema pulmonar em TC: comparação entre um sistema desenvolvido localmente e um sistema de uso livre/ Computer-assisted evaluation of pulmonary emphysema in CT scans: comparison between a locally developed system and a freeware system

Felix, John Hebert da Silva; Cortez, Paulo César; Costa, Rodrigo Carvalho Sousa; Fortaleza, Simone Castelo Branco; Pereira, Eanes Delgado Barros; Holanda, Marcelo Alcantara
2009-09-01

Resumo em português OBJETIVO: Apresentar um sistema de visão computacional em imagens de TCAR, desenvolvido localmente e denominado SIStema para a Detecção e a quantificação de Enfisema Pulmonar (SISDEP). Comparar esse sistema a um sistema computacional de acesso livre. MÉTODOS: Foram utilizadas 33 imagens de TCAR de 11 pacientes com DPOC com cortes tomográficos em ápice, hilo e base. O SISDEP foi comparado a Osiris Medical Imaging Software Program quanto à segmentação do parênqu (mais) ima pulmonar; precisão das medidas da área de secção transversal dos pulmões em mm², densidade pulmonar média (DPM), porcentagem da relative area (RA, área relativa) dos voxels com densidade Resumo em inglês OBJECTIVE: To present a locally developed system of computer vision for use with HRCT images, designated SIStema para a Detecção e a quantificação de Enfisema Pulmonar (SISDEP, System to Detect and Quantify Pulmonary Emphysema), and to compare this system with a freeware system tool. METHODS: Thirty-three HRCT images scanned at the apex, hilum and base of the lungs of 11 patients with COPD were analyzed. The SISDEP was compared with the Osiris Medical Imaging Software (mais) Program regarding lung parenchyma segmentation, precision of the measurement of the cross-sectional area of the lungs in mm², mean lung density (MLD), relative area (RA) of the lung occupied by voxels with attenuation values

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

11

Acurácia da mensuração do enfisema pulmonar na tomografia computadorizada: pontos importantes/ Accuracy of measurement of pulmonary emphysema with computed tomography: relevant points

Hochhegger, Bruno; Marchiori, Edson; Irion, Klaus L.; Oliveira, Hugo
2010-08-01

Resumo em português Para garantir a confiabilidade dos dados de quantificação computadorizada do enfisema pulmonar (densitovolumetria pulmonar) na tomografia computadorizada, alguns aspectos técnicos devem ser considerados. A alteração das densidades na tomografia computadorizada com as mudanças no nível de inspiração e expiração do pulmão, com a espessura de corte da tomografia computadorizada, com o algoritmo de reconstrução e com o tipo de tomógrafo dificulta as comparaçõ (mais) es tomográficas nos estudos de acompanhamento do enfisema pulmonar. No entanto, a densitovolumetria pulmonar substituiu a avaliação visual e compete com as provas de função pulmonar como método para medir o enfisema pulmonar. Esta revisão discute as variáveis técnicas que alteram a aferição do enfisema na tomografia computadorizada e sua influência nas medições de enfisema. Resumo em inglês Some technical aspects should be taken into consideration in order to guarantee the reliability of the assessment of pulmonary emphysema with lung computed tomography densitometry. Changes in lung density associated with variations in lungs inspiratory and expiratory levels, computed tomography slice thickness, reconstruction algorithm and type of computed tomography apparatus make tomographic comparisons more difficult in follow up studies of pulmonary emphysema. Neverth (mais) eless, quantitative computed tomography has replaced the visual assessment competing with pulmonary function tests as a sensitive method to measure pulmonary emphysema. The present review discusses technical variables of lung computed tomography and their influence on measurements of pulmonary emphysema.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

12

Modelo experimental de enfisema pulmonar em ratos induzido por papaína/ Papain-induced experimental pulmonary emphysema model in rats

FUSCO, LAERTE BRASILIENSE; PÊGO-FERNANDES, PAULO M.; XAVIER, ALEXANDRE MARTINS; PAZETTI, ROGÉRIO; RIVERO, DOLORES HELENA RODRIGUEZ FERREIRA; CAPELOZZI, VERA LUIZA; JATENE, FABIO BISCEGLI
2002-01-01

Resumo em português Objetivo: Com a finalidade de estabelecer uma linha de pesquisa em cirurgia redutora de volume pulmonar, foi proposta a reprodução de um modelo experimental de enfisema em ratos através da instilação intratraqueal de papaína. Métodos: Foi feita a instilação orotraqueal de papaína (20mg/kg) dissolvida em 3,5ml/kg de solução fisiológica a 0,9%. Após 40 dias da instilação, os animais foram submetidos a mecânica ventilatória, com medidas de elastância e res (mais) istência do sistema respiratório, e sacrificados com retirada dos pulmões. O tecido pulmonar dos animais foi analisado qualitativamente com coloração de hematoxilina-eosina e submetido à análise morfométrica com medida do diâmetro alveolar médio. O tecido pulmonar foi também submetido à coloração de resorcina-fucsina, para identificação de fibras elásticas, que foram quantificadas em septos alveolares através de análise digital de imagem. Resultados: A análise histológica dos pulmões dos animais submetidos à instilação de papaína mostrou um enfisema pan-acinar, com rotura de septos alveolares e hiperdistensão alveolar. A análise morfométrica revelou médias superiores de diâmetro alveolar médio nos pulmões dos animais submetidos à papaína (149,08mim e 100,56mim), em comparação com o grupo de solução fisiológica (64,08mim e 75,90mim). A quantificação de fibras elásticas de septos alveolares de animais tratados com papaína foi 70% menor do que a de animais submetidos à solução fisiológica. A mecânica ventilatória não mostrou diferença na resistência do sistema respiratório de animais submetidos à papaína ou à solução fisiológica. Já no caso da elastância do sistema respiratório, esta foi menor nos animais do grupo com papaína, em comparação com o grupo com solução fisiológica, demonstrando comportamento funcional do grupo com papaína compatível com enfisema pulmonar, apresentando diminuição da capacidade de recolhimento elástico do tecido pulmonar. Conclusão: Foi possível reproduzir um modelo experimental de enfisema pulmonar pan-acinar em ratos, através da instilação de papaína pela árvore respiratória, com comprovação funcional e morfológica. Resumo em inglês Objective: The reproduction of an experimental emphysema model in rats by intratracheal instillation of papain was proposed for the evaluation of lung volume reduction surgeries. Method: The study used orotracheal instillation of papain (20 mg/kg) dissolved in 0.9% saline solution. Forty days after instillation, animals underwent mechanical ventilation. Elastance and resistance of the respiratory system were measured, and the rats were sacrificed by having their lungs rem (mais) oved. The pulmonary tissue of the animals was qualitatively analyzed with hematoxylin-eosin staining and submitted to morphometric analysis for the measurement of the mean alveolar diameter. The pulmonary tissue was also subjected to resorcin-fuchsin staining for the identification of elastic fibers, which were quantified in alveolar septa by digital imaging. Results: In the animals instilled with papain, the histological analysis of the lungs showed pan-acinar emphysema, with rupture of alveolar septa and hyperdistention. Morphometric analysis showed higher mean values for mean alveolar diameter in the lungs of the animals submitted to papain (149.08 mm and 100.56 mm) as compared to the group receiving saline solution (64.08 mm and 75.90 mm). The quantification of elastic fibers of alveolar septa of papain-treated animals was 70% lower than in the animals receiving saline solution. Mechanic ventilation did not show differences in respiratory system resistance of animals receiving papain or saline solution. Respiratory system elastance was lower in the group receiving papain than in the group receiving saline solution, showing a functional status compatible with pulmonary emphysema, with decreased elasticity of the pulmonary tissue. Conclusion: The reproduction of an experimental model of pan-acinar pulmonary emphysema in rats was achieved by papain instillation through the respiratory tree with functional and morphologic evidences.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

13

Redução de volume pulmonar broncoscópico no enfisema em estádio terminal: Resultados dos primeiros 98 doentes/ Bronchoscopic lung volume reduction for end-stage emphysema: Report on the first 98 patients

Wan, I; Toma, T; Geddes, D; Snell, G; Williams, T; Venuta, F; Yim, A
2007-07-01

Resumo em português Este estudo revela os resultados preliminares da redução de volume pulmonar efectuada em doentes com enfisema pulmonar em estádio terminal, através da colocação broncoscópica de uma válvula endobrônquica (VEB). A VEB utilizada neste estudo é de silicone e unidireccional, com 3 dimensões diferentes (dependendo da anatomia brônquica), produzindo uma atelectasia seleccionada ao impedir a entrada de ar no segmento tratado, mas permitindo a saída de secreções e (mais) de ar desse mesmo segmento isolado. O estudo foi levado a cabo em 9 centros de endoscopia respiratória, em 7 países a nível mundial. Todos os doentes tinham TAC torácica e cintigrafia de ventilação/perfusão para confirmação, avaliação da gravidade e distribuição do enfisema, bem como para exclusão de comorbilidades. Foram incluídos 98 doentes com enfisema em estádio terminal, em que a pletismografia basal em repouso após broncodilatação, revelava volume expiratório máximo no primeiro segundo (VEMS) de 0,9 ± 0,3 L (30,1 ± 10,7% do previsto) e volume residual (VR) de 5,1 ± 1,3 L (244,3 ± 0,3% do previsto). opção de colocar as VEB num segmento pulmonar ou lobo completo, tratar um ou ambos os pulmões, dependeu de cada centro. Contudo, ao surgirem alguns casos de pneumotóraces em doentes com exclusão lobar completa, optaram por colocar as VEB apenas unilateralmente. Os doentes foram avaliados durante um período de 90 dias após implante da VEB, sendo efectuadas espirometria, pletismografia, capacidade de difusão de monóxido de carbono (DLCO) e teste de tolerância ao esforço, aos 30 e 90 dias depois da colocação da VEB. Dos resultados obtidos, verificou-se um decréscimo do VR para 4,9 ± 17,4 % (p=0,025) e um acréscimo do VEMS para 10,7 ± 26,2 % (p=0,007), da capacidade vital forçada (CVF) para 9,0 ± 23,9 % (p=0,024), e a distância percorrida em 6 minutos de marcha também aumentou para 23,0 ± 55,3 % (p=0,001). Demonstrou-se um ligeiro aumento da DLCO, que não obteve contudo significado estatístico (17,2 ± 52,0 %, p=0,063). Nos doentes tratados unilateralmente observou-se uma melhoria superior em relação aos doentes tratados nos 2 pulmões, bem como a melhoria foi superior nos doentes tratados a um lobo pulmonar em comparação com os tratados apenas a 1 ou 2 segmentos broncopulmonares. Ocorreram complicações graves em 8 doentes (8.2%), nos primeiros 90 dias, das quais resultou um óbito (1% de mortalidade). As complicações consideradas graves incluíram: o pneumotórax, a pneumonia obstrutiva ou não, o empiema, as hemoptises, a fístula broncopleural durante mais de 7 dias e a insuficiência respiratória. Esta análise multicêntrica confirma a melhoria da função pulmonar e tolerância ao esforço em doentes enfisematosos tratados com VEB. Contudo, é necessário estabelecer no futuro os candidatos ideais a este tipo de intervenção e a melhor estratégia terapêutica de colocação das VEB.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

14

Polialveolose: patogênese do enfisema lobar congênito?/ Polyalveolosis: pathogenesis of congenital lobar emphysema?

Giudici, R.; Leão, L.E.V.; Moura, L.A.R.; Wey, S.B.; Ferreira, R.G.; Crotti, P.L.R.
1998-06-01

Resumo em português INTRODUÇÃO: O enfisema lobar congênito é doença rara, cuja patogênese permanece desconhecida. O interesse acadêmico reside na falta de uniformidade dos achados anatomopatológicos. Em cerca de 50%, não se consegue definir a lesão anatomopatológica. A teoria mais recente relaciona esta doença com um número aumentado de alvéolos dentro de cada ácino pulmonar. OBJETIVO: O objetivo deste trabalho é efetuar uma revisão do estudo anatomopatológico original de 1 (mais) 2 crianças com diagnóstico de enfisema lobar congênito, procurando, mediante método quantitativo, pesquisar a presença do aumento do número de alvéolos no ácino pulmonar. MÉTODO: Os autores realizaram um estudo caso-controle pareado pela idade. O número de alvéolos em cada ácino pulmonar foi pesquisado pela técnica da contagem radial de alvéolos. Para comparar as medidas obtidas nos casos e seus respectivos controles, utilizaram a prova U de Mann-Whitney. Regressão linear avaliou a influência da idade sobre as medidas. RESULTADOS: Encontraram um número elevado de alvéolos nos portadores de enfisema lobar congênito operados com idade inferior a 3 anos, um número semelhante entre as idades de 3 e 7 anos e um número diminuído a partir dessa idade. Na criança normal, ocorre um aumento no número de alvéolos com o aumento da idade. No enfisema lobar congênito, esse número se mantém praticamente constante, independente da idade. CONCLUSÃO: Os achados permitiram concluir que: o lobo polialveolar pode ser diagnosticado por um método simples e prático como a contagem radial de alvéolos, colaborando para diminuir a freqüência de casos de etiologia desconhecida, um número de alvéolos maior que o esperado para idade encontra-se associado ao enfisema lobar congênito no paciente (operado) antes dos 3 anos de idade e que, ao contrário do que ocorre no pulmão normal, no lobo acometido por enfisema lobar congênito não ocorre aumento no número de alvéolos com o aumento na idade. Resumo em inglês BACKGROUND: Congenital lobar emphysema is an unusual condition and its pathogenesis remains unknown. The variety of findings in pathology studies of the ressected specimens led to increasing academic interest. About 50 per cent of the cases have no definitive diagnosis in pathology. The most recent theory proposes an increased number of alveoli within each acinus (polyalveolar lobe). PURPOSE: The aim of this paper is to report the morphometric measures of surgical specime (mais) ns of 12 patients with congenital lobar emphysema, using the Emery and Mithal technique (radial alveolar count). METHODS: We made a case-control study, classifying the cases by age. Mann-Whitney´s U test and linear regression techniques were used in data analysis: Mann-Whitney´s U in comparing the cases and respective controls and linear regression to evaluate the influence of age in the measures found. RESULTS: The results revealed a significantly higher radial alveolar count than expected for the age group under 3 years; no difference was observed in the age group between 3 and 7 years and in children older than 7, the radial alveolar count was lower than expected. The normal development of the lung consists in an increasing number of alveoli increase from birth until adulthood, but this number remains constant, independent of age in congenital lobar emphysema. CONCLUSIONS: Such findings allow us to conclude that polyalveolar lobe can and must be diagnosed by a simple and practical method, such as the radial alveolar count, which decreases the incidence of the unknown etiology. The findings of an increased number of alveoli on patients younger than 3 is related to congenital lobar emphysema, since the number of alveoli does not increase in congenital lobar emphysema, just the opposite to what one would expect in the normal development of the lung.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

15

Tratamento operatório de bolhas no enfisema bolhoso: uma simples drenagem/ Surgical treatment of bullae for bullous emphysema: a simple drainage

SAAD JR., ROBERTO; MANSANO, MARCELO DOMINGUES; BOTTER, MÁRCIO; GIANNINI, JACQUELINE ARANTES; DORGAN NETO, VICENTE
2000-06-01

Resumo em português Dez operações foram realizadas em oito doentes portadores de doença bolhosa. A drenagem fechada da bolha foi a operação feita em todos os doentes. Esta técnica, descrita inicialmente por Monaldi para o tratamento de abscessos pulmonares tuberculosos, foi utilizada com algumas modificações. Melhora dos sintomas e colapso total das bolhas foi obtido em nove procedimentos. Não houve mortalidade e os resultados foram compensadores. Esta técnica é um método simples (mais) de descompressão da bolha através de um procedimento operatório pouco invasivo. A técnica de drenagem da bolha tem ainda as seguintes vantagens: não há ressecções de tecido pulmonar e a pequena incisão realizada após anestesia local é bem tolerada pelo doente com função pulmonar crítica. Resumo em inglês Ten surgeries have been performed on 8 patients for the relief of symptoms due to bullous disease. Closed intubation drainage of the bullae was used in all patients under local anesthesia. The technique, initially devised by Monaldi for the treatment of intrapulmonary tuberculous abscesses was modified. Symptomatic improvement and total collapse of the bullae was reported by 9 of the 10 procedures. The technique described provides a simple method for decompressing bullae (mais) by means of a minimally invasive surgical procedure. It has proved a suitable approach for all but those with the poorest lung function and is now the author's treatment of choice. Techniques using intracavitary intubation have potential advantages: no lung tissue is removed, in addition, the limited incision and a local anesthesia needed for the procedure are better tolerated by patients with poor lung function.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

16

Aplicação terapêutica da ventilação colateral no enfisema pulmonar difuso: apresentação de um protocolo/ Therapeutic application of collateral ventilation in diffuse pulmonary emphysema: study protocol presentation

Saad Junior, Roberto; Dorgan Neto, Vicente; Botter, Marcio; Stirbulov, Roberto; Rivaben, Jorge; Gonçalves, Roberto
2008-06-01

Resumo em português Apresentação de um protocolo, para testar uma nova opção de tratamento operatório nos doentes portadores de enfisema pulmonar difuso, nos quais a terapêutica clínica máxima, incluindo a reabilitação pulmonar, foi realizada e ainda assim, existe falência respiratória com dispnéia incapacitante. Serão avaliados dez doentes portadores de hiperinsuflação pulmonar grave. O método propõe promover passagens expiratórias alternativas à via aérea principal par (mais) a o ar aprisionado no pulmão enfisematoso, por meio de uma drenagem do parênquima pulmonar, comunicando os alvéolos ao meio exterior. Serão selecionados dez doentes, com os consentimentos informados assinados, e com a aprovação do Comitê de Ética em Pesquisa da Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo. Os doentes selecionados deverão obedecer os critérios de inclusão para participar deste estudo. O protocolo de avaliação do procedimento proposto é viável e ao final será capaz de mostrar, se de fato há ou não benefício para um doente debilitado e sofrido, quando hoje as únicas soluções são o transplante de pulmão ou a cirurgia redutora de volume pulmonar. Resumo em inglês We present a protocol to test a new surgical procedure for the treatment of patients with diffuse lung emphysema who, after having received the golden standard treatment (pulmonary rehabilitation), continue to present respiratory failure with disabling dyspnea. Ten patients with severe lung hyperinflation will be evaluated. The method proposed is designed to create alternative expiratory passages for air trapped in the emphysematous lung by draining the lung parenchyma, t (mais) hereby establishing communication between the alveoli and the external environment. The ten patients selected will be required to meet the inclusion criteria and to give written informed consent. Those ten patients will be included in the study pending the approval of the Ethics in Research Committee of the São Paulo Santa Casa School of Medicine, São Paulo, Brazil. The protocol we will employ in order to evaluate the proposed procedure is feasible and will show whether debilitated patients suffering from diffuse pulmonary emphysema can benefit from this procedure, which could represent an alternative to lung transplant or lung volume reduction surgery, the only options currently available.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

19

Avaliação das alterações morfológicas cardíacas secundárias ao enfisema pulmonar: estudo experimental em ratos/ Evaluation of the cardiac morphological alterations secondary to the pulmonary emphysema: experimental study in rats

Monteiro, Rosangela; Jatene, Fabio Biscegli; Pazetti, Rogério; Correia, Aristides Tadeu; Manoel, Luiza Antônia; Bernardo, Wanderley Marques; Rivero, Dolores Helena Rodrigues Ferreira; Oliveira, Sérgio Almeida de
2004-12-01

Resumo em português OBJETIVO: Este trabalho tem como objetivo avaliar a ocorrência e as repercussões de enfisema pulmonar quimicamente induzido e as alterações morfológicas presentes em corações de ratos após sua indução, acompanhando sua progressão ao longo do tempo. MÉTODO: Foram avaliados 75 ratos divididos em dois grupos, papaína (N=50) e controle (N=25), submetidos à instilação intratraqueal de papaína e solução fisiológica, respectivamente. Os animais foram sacrific (mais) ados 30, 60, 90, 120 ou 180 dias após a instilação. Foi realizada gasometria do sangue arterial, análise morfométrica dos pulmões e coração. RESULTADOS: A instilação de papaína produziu destruição do tecido alveolar, mimetizando alterações morfológicas encontradas no enfisema pulmonar, com diâmetro alveolar médio maior no grupo papaína em relação ao controle em todos os momentos avaliados (p Resumo em inglês OBJECTIVE: The purpose of this study is to evaluate the occurrence and repercussions of chemically induced pulmonary emphysema and the morphological alterations present in rats' hearts of post-induction and to follow the progression afterwards. METHOD: Seventy five rats divided into two groups: papain (N=50) and control (N=25), were submitted to intratracheal instillation of papain and saline solution, respectively, and were evaluated. The animals were sacrificed 30, 60, (mais) 90, 120 or 180 days post-instillation. Arterial blood gases and cardiac and pulmonary morphometrical analysis were performed. RESULTS: Papain instillation produced alveolar tissue destruction similar to the morphological alterations observed in pulmonary emphysema. The papain group presented mean alveolar diameter higher than controls in all periods evaluated (p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

20

Fibrose pulmonar idiopática simultânea a enfisema em pacientes tabagistas/ Idiopathic pulmonary fibrosis and emphysema in smokers

Silva, Denise Rossato; Gazzana, Marcelo Basso; Barreto, Sérgio Saldanha Menna; Knorst, Marli Maria
2008-10-01

Resumo em português OBJETIVO: Descrever os achados clínicos e funcionais de pacientes com enfisema em lobos superiores e fibrose pulmonar idiopática (FPI) em lobos inferiores, recentemente descrita na literatura. MÉTODOS: Um grupo de 11 pacientes com a presença simultânea de enfisema e FPI foi identificado retrospectivamente. Todos os pacientes realizaram tomografia computadorizada de tórax com alta resolução e provas de função pulmonar. RESULTADOS: Entre os 11 pacientes identifica (mais) dos, havia 8 homens e 3 mulheres, com média de idade de 70,7 ± 7,2 anos (variação, 61-86 anos). Todos os pacientes eram tabagistas (carga tabágica, 61,5 ± 43,5 anos-maço). As médias da capacidade vital forçada (CVF), do volume expiratório forçado no primeiro segundo (VEF1) e da relação VEF1/CVF foram 72,1% ± 12,7%, 68,2% ± 11,9% e 74,4 ± 10,8, respectivamente. Os volumes pulmonares foram normais em 7 pacientes. Um padrão restritivo foi observado em 3 pacientes e hiperinsuflação estava presente em um. A capacidade de difusão pulmonar apresentou redução moderada a grave em todos os pacientes (média, 27,7% ± 12,9% do previsto). No teste da caminhada de seis minutos, realizado por 10 pacientes, a distância caminhada média foi de 358,4 ± 143,1 m, ocorrendo dessaturação >4% em 9 pacientes. Achados ecocardiográficos sugestivos de hipertensão pulmonar estavam presentes em 4 pacientes (média da pressão sistólica da artéria pulmonar, 61,8 mmHg; variação, 36-84 mmHg). CONCLUSÕES: A presença simultânea de enfisema e FPI causa alterações características nas provas de função pulmonar. O achado mais importante é a discrepância entre a capacidade de difusão e a espirometria. Resumo em inglês OBJECTIVE: To describe the clinical and functional findings recently reported in the medical literature for patients diagnosed with emphysema involving the upper lobes and idiopathic pulmonary fibrosis (IPF) involving the lower lobes. METHODS: Eleven patients with emphysema and IPF were identified retrospectively. All of the patients underwent high-resolution computed tomography of the lung and pulmonary function tests. RESULTS: Of the 11 patients, 8 were male and 3 were (mais) female. The mean age was 70.7 ± 7.2 years (range, 61-86 years). All of the patients were smokers (mean smoking history, 61.5 ± 43.5 pack-years). The mean values of forced vital capacity (FVC), forced expiratory volume in one second (FEV1) and FEV1/FVC were 72.1% ± 12.7%, 68.2% ± 11.9% and 74.4 ± 10.8, respectively. Lung volumes were normal in 7 patients. A restrictive pattern was observed in 3 patients, and hyperinflation was present in one. The diffusing capacity was moderately-to-severely reduced in all of the patients (mean, 27.7% ± 12.9% of predicted). Ten of the 11 patients performed the six-minute walk test. The mean distance covered was 358.4 ± 143.1 m, and 9 of the 10 patients presented desaturation > 4%. Echocardiographic findings suggestive of pulmonary hypertension were present in 4 patients (mean systolic pulmonary artery pressure, 61.8 mmHg; range, 36-84 mmHg). CONCLUSIONS: The concomitant presence of emphysema and IPF causes characteristic changes on pulmonary function tests. The most significant finding is a discrepancy between diffusing capacity and spirometry results.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

21

Aplicação terapêutica da ventilação colateral com drenagem pulmonar no tratamento do enfisema pulmonar difuso: relato dos três primeiros casos/ Therapeutic application of collateral ventilation with pulmonary drainage in the treatment of diffuse emphysema: report of the first three cases

Saad Junior, Roberto; Dorgan Neto, Vicente; Botter, Marcio; Stirbulov, Roberto; Rivaben, Jorge Henrique; Gonçalves, Roberto
2009-01-01

Resumo em português OBJETIVO: Relatar os resultados obtidos no pré- e pós-operatório de três pacientes portadores de enfisema pulmonar difuso grave, empregando uma nova técnica: ventilação colateral com drenagem do parênquima pulmonar. MÉTODOS: Para a avaliação da drenagem pulmonar, foram selecionados pacientes que já haviam sido submetidos à terapêutica clínica máxima, incluindo a reabilitação pulmonar, e que ainda assim sofriam de falência respiratória com dispnéia inc (mais) apacitante. Os pacientes foram submetidos, no pré- e no pós operatório, à pletismografia e ao teste da caminhada de seis minutos, assim como responderam aos seguintes questionários de qualidade de vida: Medical Outcomes Study 36-item Short-Form Health Survey, Saint George's Respiratory Questionnaire, Eastern Cooperative Oncology Group Performance Status e Medical Research Council Scale. Todos os pacientes tiveram seguimento de no mínimo 300 dias de pós-operatório. Os testes foram realizados no pré-operatório, entre 30 e 40 dias de pós-operatório e após 300 dias de pós-operatório. Os dados foram analisados pelo método de gráficos de perfis de médias. RESULTADOS: Quando comparados os resultados do pré-operatório com os do pós-operatório nos dois momentos, verificou-se que houve melhora em todos os parâmetros estudados. CONCLUSÕES: Os resultados sugerem que a técnica operatória proposta para o tratamento de doentes portadores de enfisema pulmonar difuso grave foi capaz de diminuir os sintomas debilitantes destes pacientes, tornando sua qualidade de vida muito melhor. Resumo em inglês OBJECTIVE: To report the results obtained in three patients with diffuse pulmonary emphysema during the pre- and post-operative periods following a new surgical technique: collateral ventilation with lung parenchyma drainage. METHODS: Patients suffering from pulmonary failure and disabling dyspnea, despite having received the gold standard treatment, including pulmonary rehabilitation, were selected for the evaluation of pulmonary drainage. During the pre- and post-operat (mais) ive periods, patients were submitted to plethysmography and six-minute walk tests, as well as completing the following quality of life questionnaires: Medical Outcomes Study 36-item Short-Form Health Survey, Saint George's Respiratory Questionnaire, Eastern Cooperative Oncology Group Performance Status and Medical Research Council Scale. In all three cases, the postoperative follow-up period was at least 300 days. The tests were performed at the following time points: during the pre-operative period; between post-operative days 30 and 40; and on post-operative day 300. Data were analyzed using profile plots of the means. RESULTS: When the results obtained in the pre-operative period were compared to those obtained at the two post-operative time points evaluated, improvements were observed in all parameters studied. CONCLUSIONS: The results suggest that the surgical technique proposed for the treatment of patients suffering from severe diffuse emphysema successfully reduces the debilitating symptoms of these patients, improving their quality of life considerably.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

22

Perfil radiológico do candidato ideal à cirurgia redutora de volume pulmonar no enfisema: uma revisão sistemática/ Radiological profile of the ideal candidate for lung volume reduction surgery to treat emphysema: a systematic review

Figueroa, Paula Antonia Ugalde; Martinez-Silveira, Martha Silvia; Ponte, Eduardo; Camelier, Aquiles; Pereira-Silva, Jorge L.
2005-06-01

Resumo em português INTRODUÇÃO: A cirurgia redutora de volume pulmonar é uma alternativa terapêutica para o enfisema pulmonar avançado. A avaliação radiológica do tipo e distribuição do enfisema parece ser o principal critério de indicação cirúrgica, além da função pulmonar. OBJETIVO: Determinar o nível de evidência científica referente ao padrão radiológico do candidato ideal à cirurgia redutora de volume pulmonar. MÉTODO: Revisão sistemática da literatura entre ja (mais) neiro de 1994 e janeiro de 2004, utilizando as bases de dados: MEDLINE, EMbase, LILACS, The Cochrane Library e EBM Reviews. RESULTADOS: Foram identificados 208 artigos e 16 deles preenchiam os critérios do estudo. Destes, dois eram randomizados (um multicêntrico, denominado National Emphysema Treatment Trial, envolvendo 1.218 pacientes; e outro que, embora randomizado, com apenas 30 pacientes). Os 14 remanescentes eram estudos observacionais. O National Emphysema Treatment Trial identificou um subgrupo de pacientes de prognóstico favorável, quando submetidos à cirurgia redutora de volume pulmonar, formado por portadores de enfisema pulmonar avançado e heterogêneo, com predomínio nos lobos superiores, na presença de hiperdistensão pulmonar difusa e baixa capacidade para exercícios físicos. O padrão dos resultados dos demais estudos foi consistente na análise individual, apesar de sua heterogeneidade. Benefício cirúrgico, taxas de mortalidade e qualidade de vida também foram mensurados nos estudos observacionais. CONCLUSÃO: O perfil radiológico caracterizado pelo tipo de enfisema, sua heterogeneidade, distribuição e presença de hiperdistensão difusa, ao lado do nível de gravidade, representa o principal fator preditor de bom resultado cirúrgico. Esta recomendação tem o nível de evidência B, pela escassez de trabalhos na literatura. Resumo em inglês BACKGROUND: Lung volume reduction surgery is an alternative treatment for advanced pulmonary emphysema. Radiological evaluation of the type and distribution of emphysema, together with the results of pulmonary function testing, seem to be the main criteria used in deciding whether or not the procedure is indicated. OBJECTIVE: To determine the extent of scientific evidence available regarding the radiological profile of the ideal candidate for lung volume reduction surgery (mais) . METHOD: A systematic review of the literature from January 1994 to January 2004 using the following databases: MEDLINE, EMbase, LILACS, The Cochrane Library and EBM Reviews. RESULTS: Of 208 articles identified, 16 met the study criteria. Two were randomized (one multicentric, named the 'National Emphysema Treatment Trial' and including 1218 patients, and the other including only 30 patients). The other 14 articles were observational studies. The National Emphysema Treatment Trial identified a subgroup of patients with favorable prognoses when submitted to lung volume reduction surgery. This group consisted of patients with advanced heterogeneous pulmonary emphysema with upper lobe predominance, diffuse pulmonary distention and low exercise capacity. The pattern of the results obtained in the remainder of the studies was consistent with the individual analyses, despite their heterogeneity. In the observational studies, surgical benefit, mortality rates and quality of life were assessed. CONCLUSION: The radiological pattern, characterized by the type, heterogeneity, distribution and diffuse distention, together with the degree of emphysema severity, represents the main predictor of a positive surgical outcome. Due to the paucity of studies in the literature, this is a grade B recommendation.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

23

Hiperinsuflação pulmonar após transplante unilateral por enfisema/ Lung hyperinflation after single lung transplantation to treat emphysema

Samano, Marcos Naoyuki; Junqueira, Jader Joel Machado; Teixeira, Ricardo Henrique de Oliveira Braga; Caramori, Marlova Luzzi; Pêgo-Fernandes, Paulo Manuel; Jatene, Fabio Biscegli
2010-04-01

Resumo em português Apesar das medidas de prevenção, a hiperinsuflação pulmonar é uma complicação relativamente comum após transplantes unilaterais por enfisema. Quando progressiva, pode comprimir o pulmão transplantado, gerando desvio mediastinal e insuficiência respiratória. Além de estratégias terapêuticas como a ventilação independente, o tratamento consiste na redução volumétrica do pulmão nativo, seja por meio de cirurgia redutora, seja por lobectomia. São relatado (mais) s dois casos de hiperinsuflação do pulmão nativo após transplante pulmonar, tratados com redução volumétrica do pulmão por meio de lobectomia ou cirurgia redutora. Resumo em inglês Despite preventive measures, lung hyperinflation is a relatively common complication following single lung transplantation to treat pulmonary emphysema. The progressive compression of the graft can cause mediastinal shift and respiratory failure. In addition to therapeutic strategies such as independent ventilation, the treatment consists of the reduction of native lung volume by means of lobectomy or lung volume reduction surgery. We report two cases of native lung hyper (mais) inflation after single lung transplantation. Both cases were treated by means of lobectomy or lung volume reduction surgery.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

24

Radiograma de tórax e tomografia computadorizada na avaliação do enfisema pulmonar/ Chest X-ray and computed tomography in the evaluation of pulmonary emphysema

Irion, Klaus Loureiro; Hochhegger, Bruno; Marchiori, Edson; Porto, Nelson da Silva; Baldisserotto, Sérgio de Vasconcellos; Santana, Pablo Rydz
2007-12-01

Resumo em português O enfisema é uma condição do pulmão, caracterizada pelo aumento acima do normal no tamanho dos espaços aéreos distais ao bronquíolo terminal. Atualmente, o enfisema é a quarta causa de morte nos EUA, afetando 14 milhões de pessoas. O presente artigo descreve as principais ferramentas no diagnóstico por imagem do enfisema, desde o início até os dias de hoje. Relata as técnicas tradicionais, como radiograma de tórax, e as evoluções no campo da tomografia computadorizada (TC), como a TC de alta resolução e a densitovolumetria pulmonar por TC tridimensional. Resumo em inglês Emphysema is a condition of the lung, characterized by the abnormal increase in the size of the airspace distal to the terminal bronchioles. Currently, emphysema is the fourth leading cause of death in the USA, affecting 14 million people. The present article describes the principal tools in the imaging diagnosis of emphysema, from the early days until the present. We describe traditional techniques, such as chest X-ray, together with the evolution of computed tomography (mais) (CT) to more advanced forms, such as high resolution CT, as well as three-dimensional CT densitometry and volumetric assessment.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

25

Cirurgia de redução do volume pulmonar em modelo experimental de enfisema em ratos/ Lung volume reduction surgery in an experimental rat model of emphysema

Fusco, Laerte Brasiliense; Fonseca, Marcelo Heleno; Pêgo-Fernandes, Paulo Manuel; Pazetti, Rogério; Capelozzi, Vera; Jatene, Fabio Biscegli; Oliveira, Sergio Almeida
2005-02-01

Resumo em português INTRODUÇÃO: A cirurgia redutora do volume pulmonar pode ser uma opção para portadores de enfisema com grave limitação ventilatória. OBJETIVO: Avaliar funcional e morfologicamente pulmões enfisematosos antes e depois da cirurgia de redução de volume pulmonar, através de modelo experimental em ratos. MÉTODO: Dois grupos experimentais de ratos Wistar foram estabelecidos (papaína sem cirurgia e papaína com cirurgia), e três grupos controle (solução fisiológi (mais) ca sem cirurgia, solução fisiológica com cirurgia e papaína sem ventilação mecânica). Após cerca de 40 dias da instilação intratraqueal da solução de papaína ou fisiológica, os animais dos grupos papaína com cirurgia e solução fisiológica com cirurgia foram submetidos a bilobectomia média e retrocava através de toracotomia direita. Após uma semana, foram submetidos a mecânica ventilatória, com medidas de elastância e resistência das vias aéreas. O tecido pulmonar de todos os animais foi analisado quanto ao diâmetro alveolar médio e quantidade de fibras elásticas. RESULTADOS: A análise morfométrica revelou médias superiores de diâmetro alveolar médio nos pulmões dos grupos submetidos à papaína em comparação com a solução fisiológica. A quantificação de fibras elásticas de septos alveolares dos animais tratados com papaína foi menor que daqueles com solução fisiológica. A elastância dos animais submetidos à bilobectomia e papaína foi maior que a dos submetidos à papaína sem cirurgia e estatisticamente igual aos submetidos à solução fisiológica com e sem cirurgia. CONCLUSÃO: A capacidade de recolhimento elástico do sistema respiratório dos animais com enfisema pulmonar submetidos à redução de volume pulmonar através da bilobectomia retornou a valores equivalentes aos dos grupos controle. Resumo em inglês BACKGROUND: Lung volume reduction surgery may be a viable treatment alternative for emphysema patients suffering from severe respiratory insufficiency. OBJECTIVES: To evaluate functional and morphological aspects of emphysematous rat lungs, prior to and following lung volume reduction surgery. METHOD: Wistar rats were divided into two experimental groups (papain without surgery and papain with surgery) and three control groups (saline without surgery, saline with surgery (mais) and papain without mechanical ventilation). After approximately 40 days of endotracheal instillation of papain or saline solution, animals in the papain with surgery and saline with surgery groups were submitted to bilobectomy of the middle lobes by right thoracotomy along the posterior border of the superior vena cava. After 1 week, the same animals were submitted to a mechanical ventilation study, which involved measurement of lung elasticity and airway resistance. For all of the animals studied, lung tissue was analyzed in order to determine alveolar diameter and the elastic fiber quantity. RESULTS: Morphometric analysis revealed higher mean alveolar diameter in the lungs of all animals exposed to papain as compared to those exposed to saline. Elastic fiber counts in the alveolar septa of animals treated with papain were lower than those of animals receiving saline. In the animals submitted to bilobectomy and papain, lung elasticity was greater than in those receiving papain without surgery and was statistically equal to that seen in animals receiving saline (with or without surgery). CONCLUSION: In the respiratory systems of animals with pulmonary emphysema submitted to lung volume reduction by bilobectomy, the capacity for elastic recoil returned to values equivalent to those of the control group animals.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

26

Estudo imunohistoquímico do remodelamento pulmonar em camundongos expostos à fumaça de cigarro/ Immunohistochemical study of lung remodeling in mice exposed to cigarette smoke

Valença, Samuel Santos; Porto, Luís Cristóvão
2008-10-01

Resumo em português OBJETIVO: Muitos estudos sobre enfisema são realizados com exposição de animais à fumaça de cigarro durante um longo tempo, focando o tipo de célula envolvida no desequilíbrio protease/antiprotease e a degradação da matriz extracelular. A expressão aumentada de metaloproteinases no enfisema está associado com citocinas e evidências sugerem um papel importante da metaloproteinase de matriz-12 (MMP-12). Nosso objetivo foi estudar a detecção de inibidor tissula (mais) r de metaloproteinase-2 (TIMP-2), fator de necrose tumoral alfa (TNF-α) e interleucina-6 (IL-6) por métodos imunohistoquímicos no pulmão de camundongos. MÉTODOS: Camundongos C57BL/6 machos foram expostos 3 vezes ao dia a fumaça de 3 cigarros por um período de 10, 20, 30 ou 60 dias através de uma câmara de inalação (grupos CS10, CS20, CS30 e CS60, respectivamente). O grupo controle foi exposto às mesmas condições ao ar ambiente. RESULTADOS: Nós observamos um aumento progressivo de macrófagos alveolares no lavado broncoalveolar dos grupos expostos. O diâmetro alveolar médio, um indicador de destruição alveolar, aumentou em todos os grupos expostos quando comparado ao grupo controle. O índice imunohistoquímico (II) para MMP-12 aumentou nos grupos CS10, CS20 e CS30 em paralelo a uma redução do II para TIMP-2 nos grupos CS10, CS20 e CS30. O II para as citocinas TNF-α e IL-6 aumentou em todos os grupos expostos quando comparado ao grupo controle. Enfisema foi observado no grupo CS60, com alterações na densidade de volume de fibras colágenas e elásticas. CONCLUSÕES: Estes achados sugerem que a fumaça de cigarro induz enfisema com uma participação importante do TNF-α e da IL-6 sem a participação de neutrófilos. Resumo em inglês OBJECTIVE: Various studies of emphysema involve long-term exposure of animals to cigarette smoke, focusing on the cell type involved in the protease/antiprotease imbalance and on extracellular matrix degradation. In emphysema, increased expression of metalloproteinases is associated with cytokines, and evidence suggests that the matrix metalloproteinase-12 (MMP-12) plays an important role. Our objective was to investigate tissue inhibitor of metalloproteinase-2 (TIMP-2), (mais) tumor necrosis factor-alpha (TNF-α) and interleukin-6 (IL-6) detection by immunohistochemical methods in mouse lung. METHODS: Male C57BL/6 mice were exposed 3 times a day to smoke of 3 cigarettes over a period of 10, 20, 30 or 60 days in an inhalation chamber (groups CS10, CS20, CS30 and CS60, respectively). Controls were exposed to the same conditions in room air. RESULTS: A progressive increase in the number of alveolar macrophages was observed in the bronchoalveolar lavage fluid of the exposed mice. The mean linear intercept, an indicator of alveolar destruction, was greater in all exposed groups when compared to control group. In the CS10, CS20 and CS30 mice, the immunohistochemical index (II) for MMP-12 increased in parallel with a decrease in II for TIMP-2 in the CS10, CS20 and CS30 mice. The II for the cytokines TNF-α and IL-6 was greater in all exposed groups than in the control group. Emphysema, with changes in volume density of collagen and elastic fibers, was observed in the CS60 group. CONCLUSIONS: These findings suggest that cigarette smoke induces emphysema with major participation of TNF-α and IL-6 without participation of neutrophils.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

27

Cirurgia redutora de volume pulmonar: critérios de seleção de pacientes no Hospital Universitário Antônio Pedro, Universidade Federal Fluminense, Niterói, Rio de Janeiro, RJ/ Lung volume reduction surgery (LVRS): criteria for selecting patient in Antonio Pedro Hospital, Federal Fluminense University, Niterói city, Rio de Janeiro, Brazil

Behrsin, Rodolfo Fred; Silva Junior, Cyro Teixeira da; Gabetto, José Manoel; Lima, Oriane de Almeida Santana
2003-09-01

Resumo em português O tratamento clínico da doença pulmonar obstrutiva crônica (DPOC) está bem padronizado por consensos nacionais e internacionais. Junto com transplante pulmonar, a cirurgia redutora de volume pulmonar (CRVP) é alternativa de tratamento cirúrgico para o enfisema. OBJETIVOS: Avaliar critérios de inclusão e exclusão para realização de CRVP em pacientes com DPOC. MÉTODOS: Trinta e um pacientes encaminhados e acompanhados no Ambulatório Multidisciplicar de Pesquisa (mais) em DPOC e Tabagismo dos Cursos de Pós-Graduação em Pneumologia da Universidade Federal Fluminense, submetidos a um protocolo de avaliação para seleção de candidatos à CRVP que incluiu anamnese e exame físico padronizados, espirometria com curva fluxo volume e teste com broncodilatador, gasometria arterial com paciente respirando ar ambiente, teste de caminhada por seis minutos (TC6M), radiografia convencional de tórax em póstero anterior e perfil esquerdo, tomografia computadorizada de tórax de alta resolução (TCAR) e cintilografia pulmonar de ventilação e perfusão. Análise estatística: descritiva. RESULTADOS: Contra-indicações para CRVP: bronquite crônica (29% ou nove pacientes), VEF 1> 80,0% do previsto (13% ou quatro pacientes), recusa em realizar a cirurgia (10% ou três pacientes), áreas de fibrose, depressão e bronquiectasias (dois pacientes cada), nódulo pulmonar solitário neoplásico, obesidade mórbida, enfisema bolhoso grave, hipertensão pulmonar, passado de ressecção pulmonar, tabagismo corrente, enfisema difuso com deficiencia de alfa-1-antitripsina e doença cardiaca grave (um paciente cada). Um dos pacientes selecionados concordou e foi submetido à CRVP. Sua indicação foi enfisema pulmonar heterogênio com predomínio nos lobos superiores, diagnosticado pela TCAR e cintilografia pulmonar. CONCLUSÕES: Bronquite crônica representou a principal contra-indicação em 29% dos casos. Pacientes com indicação de CRVP, freqüentemente, apresentam mais de um fator mórbido a contra-indicar o seu procedimento. A maioria dos pacientes com critérios para CRVP, a recusa, com receio do procedimento ou após programas de reabilitação pulmonar. O critério mais significativo que indicou CRVP em um paciente operado foi a presença de enfisema heterogênio bilateral nos lobos superiores. Resumo em inglês BACKGROUND: Chronic Obstructive Pulmonary Disease (CPOD) is an important problem in Brazil and other countries. The clinical treatment of ambulatory patients is now reasonably standardized. Lung volume reduction surgery (LVRS) is an alternative of surgical treatment of emphysema (aside from lung transplantation). OBJECTIVES: The aim of this study was to analyse patient selection criteria for LVRS. METHODS: This study was carried out using a sample of 31 patients referred (mais) to and given assistance to at the Smoking and Chronic Obstructive Pulmonary Disease Outpatient Ward Antonio Pedro Hospital, who were evaluated to check whether or not they could be eligible for LVRS. Aiming at evaluating the major criteria for eligibility for LVRS, the patients underwent a protocol including standardized anamnesis and physical examination, spirometry with maximum inspiratory and expiratory flow volume curves associated with post-bronchodilatator test, room air arterial blood gases, a six-minute walking test, plain chest roentgenograms and left lateral chest roentgenograms, high-resolution chest computed tomographic scans and lung perfusion scans. Statistical analysis was conducted with description of data proportions. RESULTS: Contraindications to surgery included chronic bronchitis (29% or nine patients), forced expiratory volume in one second (FEV 1) more than 80 percent predicted (13% or four patients), negative consent for surgery (10% or three patients), fibrosis pattern, severe depression and bronchiectasis (two patients each one), solitary pulmonary nodule, severe obesity, severe bullous emphysema, pulmonary hipertension, pulmonary resection history, current cigarette smoking, diffuse emphysema with alpha-1-antitrypsin deficiency and severe cardiac disease (one patient each). Indication. One selected patient with severe symptoms of emphysema met criteria for LVRS (bilateral superior lobe heterogeneous pattern of emphysema on chest computed tomography and lung perfusion scan). CONCLUSIONS: Chronic bronchitis was the major isolated factor to contraindicate LVRS. Most patients who fit the criteria for the surgery performance refused to undergo the LVRS for fear of the surgery and after pulmonary rehabilitation. The most important criteria for LVRS is bilateral superior lobe heterogeneous pattern of emphysema.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

28

Défice de alfa-1 antitripsina: A propósito de dois casos Clínicos/ Alpha-1 antitrypsin deficiency: Two cases report

Serra, Sónia; Banha, Graça
2008-03-01

Resumo em português O défice de alfa-1 antitripsina é uma doença hereditária autossómica codominante. O fenótipo Pi ZZ está associado com maior frequência à doença pulmonar, sendo responsável pelo aparecimento precoce de enfisema, sobretudo nos fumadores. Os autores apresentam dois casos de diagnóstico tardio e em que estiveram presentes outros factores que terão contribuído para o aparecimento de manifestações clínicas. Resumo em inglês The alpha-1 antitrypsin deficiency is an hereditary autosomic codominant disease. The phenotype Pi ZZ is associated more frequently with pulmonary disease and is responsible for the presence of emphysema early in life, particularly in smokers. The author’s present two cases which diagnosis were performed later in life and in which other factors could be also responsible for clinical manifestations.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

29

Reconstrução de ponte nasal com tela de titânio após exérese tumoral em um cão/ Nasal bridge reconstruction with titanium mesh after tumor excision in a dog

Krüger, Renan Marcel; Colomé, Lucas Marques; Müller, Daniel Curvello de Mendonça; Gomes, Cristiano; Amaral, Anne Santos do
2011-03-01

Resumo em português O presente trabalho relata o uso de tela de titânio como alternativa para reconstrução do defeito ósseo criado pela ressecção agressiva de carcinoma de células escamosas da ponte nasal em cão. Após o tratamento quimioterápico com 5-fluorouracil tópico e sistêmico associado à piroxicam para a redução da massa tumoral, foi realizada a ressecção cirúrgica da região comprometida e reparo do defeito ósseo com tela de titânio e posterior recobrimento com re (mais) talho músculo-cutâneo unipediculado de avanço. A principal complicação no período pós-operatório foi a formação de enfisema subcutâneo, controlado em três dias com drenagem do ar e aplicação de bandagens compressivas. O animal permaneceu sem sinais de recidiva por oito meses. No décimo mês pós-operatório, o paciente apresentou miíase no local da recidiva e a proprietária optou pela eutanásia. Com esse caso, foi possível concluir que a tela de titânio foi um material adequado para a reconstrução da ponte nasal, tendo como principal complicação a ocorrência de enfisema subcutâneo. Resumo em inglês This paper describes the use of titanium mesh as an alternative for reconstruction of bone defect created by resection of aggressive squamous cell carcinoma of the nasal bridge in a dog. After chemotherapy with topic and systemic 5-fluorouracil associated with piroxicam for the tumor mass reduction, it was performed a surgical resection of the affected region, repair of bone defects with titanium mesh and subsequent closing of the wound with musculocutaneous single pedicl (mais) e advancement flap. The main complication in the postoperative period was the formation of subcutaneous emphysema, which was controlled in three days with air drainage and application of compression bandages. The animal remained without signs of recurrence for eight months. In the tenth month postoperatively, the patient presented myiasis in local recurrence and the owner opted for euthanasia. In this case, it was possible to conclude that titanium mesh was a suitable material for the reconstruction of the nasal bridge, having as main complication the occurrence of subcutaneous emphysema.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

30

Silicose: correlação da tomografia computadorizada de alta resolução com a anatomopatologia/ Silicosis: high-resolution computed tomography--anatomopathological correlation

Marchiori, Edson; Dantas, Maria Cecília Heluy; Nobre, Luiz Felipe
2001-02-01

Resumo em português Neste trabalho foram analisados os padrões observados nas tomografias computadorizadas de alta resolução do tórax de 20 pacientes com silicose, e correlacionados com os achados anatomopatológicos de cinco pacientes. O principal aspecto observado foram os nódulos, com distribuição randômica, na maior parte dos casos com confluência, fazendo, por vezes, massas conglomeradas. Eles predominaram nos terços superiores dos pulmões, nas regiões posteriores. Outro achado importante foi o enfisema. Resumo em inglês The authors analyzed the patterns observed on the high-resolution computed tomography scans of the chest of 20 patients with silicosis and correlated them with the anatomopathological findings of five patients. The most common findings were randomly distributed nodules that were confluent in most cases, and at times formed conglomerate masses, predominantly in the upper and posterior lung regions. Emphysema was also another important finding.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

31

Talcose pulmonar associada ao uso endovenoso de medicamentos orais: relato de caso/ Pulmonary talcosis associated with intravenous use of oral medications: a case report

Souza Jr., Arthur Soares; Marchiori, Edson; Irion, Klaus L.; Ferreira, Ângela; Koch, Melissa
2003-06-01

Resumo em português Neste trabalho são apresentados os achados observados na tomografia computadorizada de alta resolução de um paciente com talcose pulmonar, com a doença adquirida pelo uso de drogas orais injetadas por via venosa. O principal aspecto observado na tomografia computadorizada de alta resolução foi o de nódulos centrolobulares, associados a massas conglomeradas. Havia também enfisema e áreas de atenuação em vidro fosco. Estes achados são bastante sugestivos de talcose pulmonar. Resumo em inglês We report the findings of the high-resolution computed tomography of the chest of a patient with pulmonary talcosis related to intravenous injection of diluted oral medicine. The most important high-resolution computed tomography findings were small centrilobular nodules associated with conglomerated masses. Areas of emphysema and ground glass attenuation were also seen. These high-resolution computed tomography findings are highly suggestive of pulmonary talcosis.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

32

Morbidade respiratória nos pacientes com e sem síndrome pulmonar obstrutiva submetidos a cirurgia abdominal alta/ Respiratory morbidity in patients with and without pulmonary obstrutive syndrome after upper abdominal surgery

Pereira, E.D.B.; Farensin, S.M.; Fernandes, A.L.G.
2000-03-01

Resumo em português OBJETIVO: Estudar a morbidade respiratória nos pacientes com síndrome pulmonar obstrutiva submetidos a cirurgia abdominal alta. CASUÍSTICA E MÉTODO: Durante o pré-operatório, 196 pacientes candidatos à cirurgia abdominal alta eletiva responderam a um questionário padronizado e logo em seguida realizaram espirometria. Houve acompanhamento no pós-operatório até a alta hospitalar ou óbito. Os pacientes foram divididos em quatro grupos: 27 pacientes com DPOC (diag (mais) nóstico de bronquite crônica ou enfisema e VEF1/CVF< 70%), 44 pacientes com diagnóstico de asma (obstrução das vias aéreas desencadeada por estímulos provocatívos) com ou sem alteração da espirometria. Outros 23 pacientes apresentavam o complexo bronquite crônica-enfisema, (quadro clínico sugestivo de bronquite ou enfisema porém com VEF1/CVF maior que 70%). O grupo de 102 pacientes apresentou normalidade do ponto de vista clínico e espirométrico. Considerou-se como CPP: atelectasia com repercussão clínica e ou gasométrica, broncoespasmo que necessitou de tratamento, insuficiência respiratória aguda, ventilação mecânica e/ou entubação orotraqueal prolongada, infecção traqueobronquica e pneumonia. RESULTADOS: A incidência de complicações foi maior no grupo de pacientes com limitação do fluxo aéreo (32%) em relação aos normais(6%). Ao estudarmos os quatro grupos separadamente, foi observado que os pacientes com DPOC, apesar de apresentaram maior morbidade no pós-operatório, não diferiram dos demais pneumopatas. Complicaram, respectivamente, (DPOC 37%, BE 34%, asma 29%,normal 6%). Os obstrutivos triplicaram seu tempo de permanência no ventilador (média 3,1 e 1,1; respectivamente, com p<0,05). No entanto, não houve diferença em relação ao tempo de permanência na UTI e no tempo total de dias no pós-operatório. CONCLUSÃO: Os pacientes com limitação do fluxo aéreo apresentaram maior morbidade no pós-operatório de cirurgia abdominal alta. A magnitude deste fator de risco se reflete num risco relativo quase que cinco vezes maior em relação aos pneumopatas com os pacientes normais. Resumo em inglês BACKGROUND: We wanted to determine the postoperative pulmonary complicatiosn after upper abdominal surgery in patients with pulmonary obstrutive syndrome. METHODS: We have studied 196 patients prospectively analyzed in preoperative period with spirometry and followed for observation of PPC. The patients were divided in four groups: COPD - those with chronic bronchitis or emphysema and VEF1/CVF< 70% (27 patients). ASMA - patients with obstruction of the airway in respon (mais) se to provoking stimuli (44 patients). CHRONIC BRONCHITIS-EMPHYSEMA - those with the clinical diagnoses of the respective diseases but VEF1/CVF > 70% (23 patients). NORMAL - patients without pulmonary disease and normal spirometry (102 patients). RESULTS: Postoperative pulmonary complication was recognized when the patient presented atelectasis with clinical or gasometric alterations; bronchospasm that needed bronchodilator therapy; respiratory failure; mechanical ventilation or orotracheal entubation more than 48 hours in postosurgery period; tracheobronchitis characterized by the presence of purulent sputum with normal x-ray; pneumonia. Patients with pulmonary obstruction had experienced higher rates of pulmonar complications (32% vs 6%,p<0,05). The presence of obstuctive lung disease was associated with an increased number of ventilator days, but was not associeted with longer intensive care unit or hospital stay. CONCLUSIONS: The incidence of postoperative pulmonary complications was strongly associated with the presence of pulmonary obstrutive syndrome.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

33

O n-butil cianoacrilato na lobectomia pulmonar parcial em felinos: estudo experimental/ The n-butyl cyanoacrilate in partial lung lobectomy in cats: experimental study

Ishizaki, Marcos Makoto; Ferreira, Ana Maria Reis; Salomão Júnior, Edgard; Nascimento Júnior, Amary; Marsico Filho, Firmino
2005-02-01

Resumo em português O presente estudo teve como objetivo verificar a viabilidade do n-butil cianoacrilato na pneumostasia e hemostasia em lobectomia pulmonar parcial. Foram utilizadas seis gatas hígidas, adultas, com peso médio de três quilogramas. O procedimento cirúrgico consistiu na realização de toracotomia intercostal com lobectomia pulmonar parcial em que se utilizou adesivo cirúrgico para fechamento do lobo pulmonar. Após 21 dias da cirurgia, os animais foram novamente submeti (mais) dos à toracotomia para a coleta de fragmento da região onde o adesivo fora aplicado, para análise histopatológica. Foram realizadas radiografias de tórax das pacientes para o acompanhamento pré e pós lobectomia pulmonar parcial e, aos dois, sete, 14 e 21 dias subseqüentes. As alterações radiográficas e clínicas encontradas como pneumotórax residual, aumento na densidade pulmonar, enfisema subcutâneo e apatia foram corrigidas em tempo hábil, não comprometendo os resultados do estudo. A histopatologia evidenciou reação inflamatória com predomínio de células mononucleares, neovascularização, proliferação de tecido conjuntivo e pequenas áreas de enfisema e atelectasia, sem comprometimento clínico significativo. Concluiu-se que o cianoacrilato é capaz de produzir adequada pneumostasia e hemostasia, e poderá ser uma opção para a realização de lobectomia pulmonar parcial em felinos. Resumo em inglês The n-butyl cyanoacrilate tissue adhesive was used in this study aiming to verify the viability of its use for hemostasis and to avoid air leakage in partial lung lobectomy. Six healthy adult female domestic shorthair cats, weight range of three kg were submitted to an intercostal thoracotomy with partial lung lobectomy using n-butyl cyanoacrilate to close the lobe. After 21 days they were submitted to another thoracotomy to collect a fragment of the lung where the adhesi (mais) ve was applied to a histopathological study. Chest films were taken pre and post partial lung lobectomy and at two, seven, 14 and 21 days as a follow up procedure. Radiographical and clinical changes such as residual pneumothorax, increase in pulmonary density, subcutaneous emphysema and apathy were corrected in due time, not compromising the study. The histopathology results showed an inflammatory reaction with mononuclear prevailing, neovascularization, spread of connective tissue and small areas of emphysema and atelectasy, with no significant clinical signs. The conclusion was that the cyanoacrilate adhesive may control the air leakage and hemorrhage and can be an option for sutureless partial lung lobectomy.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

34

Pneumonia intersticial em bovinos associada à ingestão de batata-doce (Ipomoea batatas) mofada/ Interstitial pneumonia in cattle fed moldy sweet potatoes (Ipomoea batatas)

Fighera, Rafael A.; Rozza, Daniela B.; Piazer, José V.; Copetti, Marina V.; Irigoyen, Luiz F.; Barros, Claudio S. L.
2003-12-01

Resumo em português Uma doença respiratória foi diagnosticada em cinco dentre 23 bovinos (21,7%) após terem sido alimentados com batata-doce (Ipomoea batatas) mofada em uma pequena propriedade rural em São Vicente do Sul, Rio Grande do Sul, Brasil. Três dos cinco bovinos afetados morreram espontaneamente, e o quarto foi sacrificado para necropsia quando mostrava sinais clínicos respiratórios avançados. A manifestação clínica iniciara cerca de 24 horas após a ingestão das batatas (mais) -doces e a evolução clínica foi de 1 a 4 dias. Os sinais clínicos incluíam dispnéia (respiração laboriosa e abdominal), taquipnéia, pescoço estendido com cabeça baixa e dilatação ritmada das narinas. Dois bovinos foram necropsiados. Os achados de necropsia incluíam pulmões distendidos, pálidos e de consistência borrachenta, que não colapsavam quando o tórax era aberto; enfisema e edema acentuados eram evidentes no pulmão. Os linfonodos e o baço apresentavam alterações características de hiperplasia linfóide. Histologica-mente, as lesões eram típicas de pneumonia intersticial. Os septos alveolares estavam espessados por fibroblastos e células inflamatórias, havia hipertrofia e hiperplasia de pneumócitos tipo II; os septos interlobulares estavam distendidos por edema e enfisema. A cultura de amostras das batatas-doces mofadas produziu Fusarium solani e F. oxysporum. Resumo em inglês Cases of respiratory disease were diagnosed in five out of 23 cattle (21.7%) after they were fed moldy damaged sweet potatoes (Ipomoea batatas) on a small farm in the county of São Vicente do Sul, state of Rio Grande do Sul, Brazil. Of those five cattle, three died spontaneously and another one was euthanatized for necropsy while showing advanced respiratory clinical signs. The disease manifested itself approximately 24 hours after the ingestion of the sweet potatoes and (mais) lasted from 1 to 4 days. Clinical signs included dyspnea (labored breathing and abdominal respiration), tachypnea, extended neck with low carriage of the head and rhythmical flaring of the nostrils. Two cows were necropsied. Necropsy findings included distended pale and rubbery lungs which failed to collapse when the thorax was open, and marked pulmonary interstitial emphysema and edema. Lymphoid hyperplasia was observed in the hilar nodes and spleen. Histologically, the lesions were those of interstitial pneumonia. Alveolar septa were thickened by fibroblasts and inflammatory cells, and there was hypertrophy and hyperplasia of type II pneumocytes; the interlobular septa were distended by edema and emphysema. The culture of the moldy sweet potatoes yielded Fusarium solani and Fusarium oxysporum.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

35

Rim intratorácico ectópico/ Thoracic ectopic kidney

Beraldo, Claudinei Leôncio; Magalhães, Eugênio Fernandes de; Martins, Demétrius Tierno; Coutinho, Douglas Silva; Tiburzio, Lívia Silva; Ribeiro Neto, Mário
2005-04-01

Resumo em português O rim ectópico intratorácico é uma anomalia rara. De todas as ectopias renais é a mais rara (p = 0,005%). Relata-se um caso de ectopia renal intratorácica em um homem negro de 83 anos, que procurou atendimento médico com quadro clínico compatível com enfisema pulmonar. Foi solicitado radiograma de tórax, que evidenciou uma massa, diagnosticada por tomografia computadorizada como ectopia renal. A maioria dos casos de rim torácico aparece como uma tumoração intr (mais) atorácica encontrada em radiogramas de tórax solicitados por qualquer outra razão alheia à suspeita dessa anomalia, e não necessita de tratamento específico. Resumo em inglês Thoracic ectopic kidney is a rare anomaly, the rarest of all renal ectopia types (p = 0.005%). Herein, we describe a case of thoracic ectopic kidney in an 83-year-old black man who, upon seeking medical attention, presented a clinical profile consistent with pulmonary emphysema. A chest X-ray was ordered, and the results showed evidence of a mass, which was then diagnosed (through computed tomography) as renal ectopia. The majority of thoracic ectopic kidney cases present (mais) as an intrathoracic tumor seen on chest X-rays ordered for reasons other than suspicion of this anomaly and do not require special treatment.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

36

Um caso de pneumotórax espontâneo recorrente/ A case of recurrent spontaneous pneumothorax

Carvalho, Isabel; Romariz, Jorge; Miranda, José António; Rodrigues, Lúcia
2008-10-01

Resumo em português O pneumotórax espontâneo é uma patologia rara na idade pediátrica estando, na maioria dos casos associado a um factor predisponente. Apresenta -se o caso clínico de uma criança de 9 anos, com antecedentes de prematuridade e ventilação mecânica no período neonatal, internado por pneumotórax espontâneo. Apesar da melhoria clínica e radiológica significativa após drenagem pleural, verificou-se recorrência do pneumotórax cerca de três meses depois, identific (mais) ando -se uma área de enfisema local e necessitando de tratamento cirúrgico. O caso clínico descrito distingue -se pela baixa frequência desta patologia neste grupo etário e pela eventual relação com os antecedentes neonatais da criança. Resumo em inglês Spontaneous pneumothorax is a rare disease at paediatric age and in most cases is associated to predisposing factors. The authors present a case of spontaneous pneumothorax in a 9 year-old child with a history of prematurity and mechanical ventilation at neonatal stage. In spite of clinical and radiological improvement after pleural drainage, pneumothorax recurred three months later and emphysema was identified, leading to surgery. This case is important due to the rarity of the disease in this age group and its possible relation to prior neonatal medical history.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

37

Perfil nutricional de pacientes candidatos ao transplante de pulmão/ Nutritional profile of lung transplant candidates

Souza, Sabrina Monteiro Pereira de; Nakasato, Miyoko; Bruno, Maria Lúcia Mendes; Macedo, Alessandra
2009-03-01

Resumo em português OBJETIVO: Verificar o perfil nutricional dos pacientes candidatos ao transplante de pulmão. MÉTODOS: Estudo transversal, retrospectivo com pacientes candidatos ao transplante de pulmão em um hospital público da cidade de São Paulo. O gênero, a idade e a doença pulmonar de base dos participantes foram compilados. Para a avaliação do perfil nutricional dos pacientes, o índice de massa corporal (IMC), a circunferência muscular do braço (CMB), a circunferência da (mais) cintura (CC) e a prega cutânea tricipital (PCT) foram determinados durante o primeiro atendimento ambulatorial. RESULTADOS: Foram incluídos 117 pacientes, sendo 69 (59%) do gênero masculino. A média de idade dos participantes foi de 42,5 ± 15,2 anos. A doença de base de maior prevalência foi o enfisema pulmonar, em 29 pacientes (24,8%). O perfil nutricional de 48,3% dos pacientes com enfisema pulmonar, de 55% dos com fibrose cística, 56% dos com bronquiectasias e de 50% dos com outras doenças pulmonares foi considerado normal. A maior parte dos pacientes com fibrose pulmonar (51,7%) foi classificada com excesso de peso. A PCT indicou que os pacientes com fibrose cística apresentaram um elevado risco de depleção (64,7%), seguidos pelos pacientes com bronquiectasias (52,6%). CONCLUSÕES: Os pacientes com fibrose pulmonar foram os que obtiveram maiores valores de IMC, mas com PCT e CMB correspondentes a eutrofia. Pacientes com fibrose cística e bronquiectasias apresentaram maior prevalência de depleção nutricional, baseado na PCT e CMB. Resumo em inglês OBJECTIVE: To determine the nutritional profile of lung transplant candidates. METHODS: A retrospective cross-sectional study involving lung transplant candidates at a public hospital in the city of São Paulo, Brazil. Data related to gender, age and underlying lung disease were compiled for the participants. For the assessment of the nutritional profile of the patients, body mass index (BMI), mid-arm muscle circumference (MAMC), waist circumference and triceps skinfold t (mais) hickness (TST) were determined during the first outpatient visit. RESULTS: We included 117 patients, 69 of which (59%) were male. The mean age of the participants was 42.5 ± 15.2 years. The most prevalent underlying disease, seen in 29 patients (24.8%), was pulmonary emphysema. The nutritional profile was considered normal in 48.3% of the patients with pulmonary emphysema, 55% of those with cystic fibrosis, 56% of those with bronchiectasis and 50% of those with other lung diseases. The majority (51.7%) of the patients with pulmonary fibrosis were classified as overweight. The TSTs indicated that the risk of depletion was highest (64.7%) among the patients with cystic fibrosis, followed by those with bronchiectasis (52.6%). CONCLUSIONS: Patients with pulmonary fibrosis presented the highest BMIs, although the corresponding TSTs and MAMCs were normal. Patients with cystic fibrosis and bronchiectasis presented the highest prevalence of nutritional depletion, based on TST and MAMC.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

38

Manifestação clínico-patológica de infecção natural pelo Vírus Respiratório Sincicial Bovino (BRSV) em bovinos de criação extensiva no Rio Grande do Sul, Brasil/ Clinic-pathological aspects in the natural infection of Bovine Respiratory Syncytial Virus (BRVS) in extensive management of cattle in Rio Grande do Sul, Brazil

Driemeier, David; Gomes, Marcos José Pereira; Moojen, Valéria; Arns, Clarice Weiss; Vogg, Guilherme; Kessler, Luciano; Costa, Ubirajara Maciel da
1997-04-01

Resumo em português São descritas as manifestações clínicas, patológicas, microbiológicos e sorológicos da enfermidade natural causada pelo Vírus Respiratório Sincicial Bovino (BRSV) em uma criação extensiva de bovinos de corte no Rio Grande do Sul. Clinicamente havia tosse crônica e dispnéia intensa frente a exercícios físicos mínimos em dois animais. Os dois foram sacrificados e necropsiados. As alterações macroscópicas eram pulmonares com enfisema alveolar disseminado, (mais) focos de atelectasia e espessamento dos septos interlobulares. A imunofluorescência para BRSV em corte de pulmão congelado foi positiva em ambos os casos, sendo negativa para Parainfluenza-3 (PI-3), Diarréia Vírica Bovina (BVDV) e Rinotraqueíte Infecciosa Bovina (BHV). Foi isolado BRSV em cultivo celular de MDBK a partir de um dos animais necropsiados. Nenhuma associação foi detectada através de elisa para detecção de antígeno LPS gênero específico de Chlamydia psittaci no tecido pulmonar. O exame histopatológico evidenciou células sinciciais, enfisema crônico, hipertrofia da camada muscular peribronquiolar e metaplasia escamosa do epitélio bronquial e bronquiolar. O exame sorológico para BRSV evidenciou 79% de soropositivos em uma primeira amostragem na qual havia animais jovens e alguns com tosse. O segundo exame sorológico 6 meses após, proveniente de animais de diferentes faixas etárias, resultou em 17,3% de soropositivos. Este é o primeiro relato de doença causada por BRSV no Brasil. Resumo em inglês The clinical aspects as well as the pathology, microbiology and serology of a natural Bovine Respiratory Syncytial (BRSV) infection of bovine in a herd of 600 beef cattle kept under extensive management in the State of Rio Grande do Sul, Brazil, are described. Clinically two animals had chronic cough and severe dyspnea when forced to mild physical exercise. These two animals were euthanatized and post-morten examination was performed. The macroscopic changes were of pulmo (mais) nary origin, such as disseminated alveolar emphysema, focal atelectasis and marked interlobular septal thickening. The fluorescent antibody test on lung cryostat sections was positive to BRSV for both animals, and it was negative to PI-3 virus, BVDV and BHV. The BRSV was isolated from the lung of one of the animals on MDBK, and was also identified by fluorescent antibody test. No association with Chlamydia psittaci was found by ELISA performed on lung tissues. The histopathology showed syncytial cells, chronic emphysema, peribronchiolar muscle layer hypertrophy and squamous metaplasia of bronchial and bronchiolar epithelia. The serology to detect antibodies to BRSV resulted in 79% of positives from the first specimen collection. In this group of young animals some of them had a cough. The second samples collected 6 months later were from animals of different age groups resulting in 17.3% of positives. This is the first report on clinical BRSV infection in Brazil.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

39

Avaliação da concentração de alfa 1-antitripsina e da presença dos alelos S e Z em uma população de indivíduos sintomáticos respiratórios crônicos/ Determination of alpha 1-antitrypsin levels and of the presence of S and Z alleles in a population of patients with chronic respiratory symptoms

Serra, Heliane Guerra; Bertuzzo, Carmen Sílvia; Pereira, Mônica Corso; Rossi, Cláudio Lúcio; Pinto Júnior, Walter; Paschoal, Ilma Aparecida
2008-12-01

Resumo em português OBJETIVO: Determinar a concentração de alfa 1-antitripsina (AAT) e a prevalência dos alelos S e Z em indivíduos sintomáticos respiratórios crônicos. MÉTODOS: Pacientes com tosse crônica e dispnéia foram submetidos à avaliação clínica, espirometria, tomografia computadorizada de tórax, dosagem de AAT por nefelometria e pesquisa das mutações S e Z por reação em cadeia da polimerase. Foram consideradas como variáveis dependentes a concentração de AAT e (mais) o tabagismo. RESULTADOS: Dos 89 pacientes incluídos no estudo (44 mulheres; idade média, 51,3 ± 18,2 anos), os alelos S e Z foram detectados em 33,3% e 5,7%, respectivamente, com freqüência gênica dos alelos S e Z de 0,16 e 0,028. Dois pacientes tinham genótipo SZ (AAT 141 mg/dL (normal, Grupo 2, n = 57). A freqüência de fumantes foi igual nos dois grupos, com carga tabágica maior no Grupo 2. O alelo S estava presente em 13 e 14 pacientes dos Grupos 1 e 2, respectivamente, enquanto que o alelo Z estava presente em 2 e 1 paciente dos mesmos grupos. Não houve diferença nos testes de função pulmonar, nem na freqüência de bronquiectasias ou enfisema entre os dois grupos. Os valores espirométricos e as concentrações de AAT foram similares entre fumantes e não-fumantes. Bronquiectasias foram mais freqüentes entre os não fumantes, e enfisema foi mais freqüente entre os fumantes. CONCLUSÕES: Trinta pacientes apresentaram níveis de AAT abaixo da média esperada para os genótipos MM e MS, e este fato não pode ser explicado por uma freqüência maior dos alelos S e Z. Resumo em inglês OBJECTIVE: To determine the levels of alpha-1 antitrypsin (AAT) and the presence of S and Z alleles in patients with chronic respiratory symptoms. METHODS: Patients with chronic cough and dyspnea were submitted to clinical evaluation, pulmonary function tests, high-resolution computed tomography, nephelometric determination of AAT and determination of S and Z alleles by polymerase chain reaction. Smoking and AAT levels were considered the dependent variables. RESULTS: Of (mais) the 89 patients included in the study, 44 were female. The mean age was 51.3 ± 18.2 years. The S and Z alleles were detected in 33.3% and 5.7%, respectively, and the gene frequency was 0.16 and 0.028, respectively. Two patients were SZ heterozygotes (AAT levels 141 mg/dL (normal, Group 2, n = 57). The frequency of smokers was the same in both groups, although tobacco intake was greater in Group 2. The S allele was present in 13 and 14 patients in Groups 1 and 2, respectively, whereas the Z allele was present in 2 and 1 patient in the same groups. There was no difference in the results of pulmonary function tests or in the frequency of bronchiectasis or emphysema between the two groups. Spirometric values and AAT levels were similar in smokers and nonsmokers. Bronchiectasis was more common in nonsmokers, and emphysema was more common in smokers. CONCLUSIONS: Thirty patients presented AAT levels lower than the mean values found in patients with the MM or MS genotype, and this fact could not be explained by an increased frequency of S and Z alleles.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

40

Ovário-histerectomia laparoscópica em felinos hígidos: estudo comparativo de três métodos de hemostasia/ Laparoscopic ovariohysterectomy in healthy felines: comparative study of three hemostatic methods

Schiochet, F.; Beck, C.A.C.; Silva, A.P.F.F.; Contesini, E.A.; Alievi, M.M.; Stedile, R.; Pinto, V.; Yamazaki, P.H.; Jurinitz, D.F.; Pellizari, M.
2009-04-01

Resumo em português Foram avaliadas 24 gatas, hígidas, sem raça definida, distribuídas em três grupos de oito animais. Descreveu-se o acesso laparoscópico para ovariossalpingo-histerectomia (OSH) e comparou-se o uso do eletrocautério bipolar (grupo I), do clipe de titânio (grupo II) e da ligadura com fio de sutura (grupo III) para a oclusão dos vasos ovarianos e uterinos. Hemorragia e enfisema subcutâneo foram as principais complicações observadas no transoperatório e hematoma su (mais) bcutâneo e deiscência de sutura, as do pós-operatório. O procedimento cirúrgico e a técnica operatória mostraram-se viáveis nos três grupos. O uso do eletrocautério bipolar apresentou vantagens na comparação com os outros métodos de hemostasia. Resumo em inglês Twenty-four healthy female mongrel cats were submitted to ovaryhisterectomy and distributed into three groups of eight animals each: (I) bipolar electrical cautery, (II) titanium clips, and (III) suture ligature for the occlusion of ovarian and uterine vessels, which were compared. The surgical procedure and the operation technique were viable in all three groups. Hemorrhagia and subcutaneous emphysema were the main intraoperative complications, and hematoma and suture de (mais) hiscence in the postoperative. The bipolar electrical cautery procedure is shown to be comparatively successful regarding the other studied methods for hemostasia.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

41

Défice de alfa -1 antitripsina. A experiência do Hospital de Pulido Valente com a terapêutica de reposição/ Alpha -1 antitrypsin deficiency. The experience of Pulido Valente Hospital with augmentation therapy

Costa, Carla Alves; Santos, Cristina
2009-05-01

Resumo em português A alfa -1 antitripsina (AAT) e sintetizada pelo fígado, com uma semivida plasmática de 4 -5 dias. Apresenta acção inibidora das proteases, com particular afinidade para a elastase dos neutrófilos. A sua deficiência esta associada a uma menor protecção pulmonar da acção das enzimas dos neutrófilos activados. A deficiência de AAT e uma doença genética resultante da herança de dois alelos deficientes. Dos alelos deficientes, o mais frequente e o Pi*Z, sendo a (mais) forma homozigotica Pi*ZZ responsável por níveis sericos mais baixos, habitualmente inferiores a 50 mg/dl. O limiar de protecção e 80 mg/dl. O tabagismo aumenta francamente o risco de enfisema nestes doentes. O objectivo da terapêutica de reposição e a manutenção de níveis sericos de AAT acima do limiar protector, retardando a progressão da doença. Os autores apresentam a experiência do Hospital de Dia de Insuficientes Respiratórios do Hospital de Pulido Valente, de cinco doentes com enfisema por deficiência de AAT, fazendo reposição endovenosa semanal com prolastinaR. Foi efectuada uma avaliação clínica, funcional respiratória e radiológica dos doentes entre 2003 e 2007. Verificou -se estabilidade clínica e radiológica e menor declínio anual de FEV1 após inicio do tratamento. A reposição com prolastinaR e um tratamento de custos elevados, havendo falta de estudos aleatorizados e controlados que demonstrem a sua eficácia clínica. A evidencia do beneficio e baseada em estudos observacionais. A nossa experiência é positiva, com benefícios clínicos, funcionais e radiológicos. Apesar de estar descrita na literatura uma redução da mortalidade, ainda não foi possível fazer essa inferência na nossa pequena amostra Resumo em inglês Alpha -1 antitrypsin (AAT) is synthesised in the liver and has half -life of 4 -5 days. AAT has antiprotease activity, with particular affinity for neutrophil elastase. Its deficiency leads to a lack of effective lung protection against activated neutrophil enzymes. Deficiency of AAT is a genetic disorder that occurs as a result of the inheritance of two protease inhibitor deficient alleles. Of the deficient alleles, Pi*Z is the most common, and the homozygous form Pi*ZZ (mais) results in the lowest serum levels, usually below 50 mg/dl. The “protective threshold” is 80 mg/dl. Smoking increases the risk of emphysema. The current goal of augmentation therapy is to raise the plasma levels, above protective threshold and slow disease progression. The authors present the experience of the Day Care Hospital of the Pulido Valente Hospital with five male patients presenting emphysema due to AAT deficiency, receiving weekly intravenous treatment with ProlastinR. We performed a clinical, respiratory functional and radiological evaluation between 2003 and 2007. The results point to a slower progression of the disease, with clinical and radiological stability and a reduced rate of FEV1 decline. Augmentation therapy is an expensive treatment and its use is lacking supportive evidence of efficacy by randomized controlled clinical trials. Evidence that it confers benefits is based on observational studies. Our experience is positive, showing clinical, radiological and functional benefits. The literature available points to a decrease in mortality, but we could not affirm so in our small population.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

42

Tomografia computadorizada de alta resolução na silicose: correlação com radiografia e testes de função pulmonar/ High-resolution computed tomography in silicosis: correlation with chest radiography and pulmonary function tests

Lopes, Agnaldo José; Mogami, Roberto; Capone, Domenico; Tessarollo, Bernardo; Melo, Pedro Lopes de; Jansen, José Manoel
2008-05-01

Resumo em português OBJETIVO: Correlacionar os parâmetros tomográficos com os de função pulmonar em portadores de silicose, bem como comparar os resultados da tomografia computadorizada de alta resolução (TCAR) com os da radiografia de tórax. MÉTODOS: Foi realizado um estudo de corte transversal, em que foram avaliados 44 pacientes não-tabagistas e sem história pregressa de tuberculose. As radiografias foram classificadas de acordo com a proposta da Organização Internacional do T (mais) rabalho. Utilizando um sistema de escore semiquantitativo, os seguintes achados na TCAR foram quantificados: extensão total do envolvimento pulmonar, opacidades parenquimatosas e enfisema. Foram realizados espirometria, oscilações forçadas, avaliação dos volumes pulmonares pela técnica de diluição com hélio e medida da diffusing capacity of the lung for carbon monoxide (DLCO, capacidade de difusão do monóxido de carbono). RESULTADOS: Dos 44 pacientes estudados, 41 eram homens, com média de idade de 48,4 anos. Na análise comparativa, 4 pacientes classificados na categoria 0 pela radiografia foram reclassificados na categoria 1 pela TCAR e, enquanto a radiografia diagnosticou 23 casos de fibrose maciça progressiva, a TCAR estabeleceu esse diagnóstico em 33 doentes. Para o escore de opacidades, as maiores correlações foram observadas com as medidas de fluxo, DLCO e complacência. Já o enfisema correlacionou-se negativamente com as medidas de volume, DLCO e fluxo. Nesta amostra com predomínio de grandes opacidades (75% dos indivíduos), a deterioração da função pulmonar associou-se com a extensão das alterações estruturais. CONCLUSÕES: Na silicose, a TCAR é superior à radiografia tanto na detecção precoce da doença quanto na identificação de fibrose maciça progressiva. Resumo em inglês OBJECTIVE: To correlate tomographic findings with pulmonary function findings, as well as to compare chest X-ray findings with high resolution computed tomography (HRCT) findings, in patients with silicosis. METHODS: A cross-sectional study was conducted in 44 non-smoking patients without a history of tuberculosis. Chest X-ray findings were classified according to the International Labour Organization recommendations. Using a semiquantitative system, the following HRCT fi (mais) ndings were measured: the full extent of pulmonary involvement; parenchymal opacities; and emphysema. Spirometry and forced oscillation were performed. Pulmonary volumes were evaluated using the helium dilution method, and diffusing capacity of the lung for carbon monoxide (DLCO) was assessed. RESULTS: Of the 44 patients studied, 41 were male. The mean age was 48.4 years. There were 4 patients who were classified as category 0 based on X-ray findings and as category 1 based on HRCT findings. Using HRCT scans, we identified progressive massive fibrosis in 33 patients, compared with only 23 patients when X-rays were used. Opacity score was found to correlate most closely with airflow, DLCO and compliance. Emphysema score correlated inversely with volume, DLCO and airflow. In this sample of patients presenting a predominance of large opacities (75% of the individuals), the deterioration of pulmonary function was associated with the extent of structural changes. CONCLUSIONS: In the early detection of silicosis and the identification of progressive massive fibrosis, HRCT scans are superior to X-rays.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

43

Tratamento operatório das bolhas pulmonares gigantes/ Surgical treatment of giant emphysematous lung bullae

Botter, Marcio; Saad Júnior, Roberto; Botter, Denise Aparecida; Rivabem, Jorge Henrique; Gonçalves, Roberto; Dorgan Neto, Vicente
2007-06-01

Resumo em português OBJETIVOS: A escassez de publicações nacionais a respeito desta doença no Brasil nos motivou a realizar o presente trabalho, cujos objetivos são descrever a evolução histórica e analisar os resultados do tratamento operatório das bolhas enfisematosas gigantes na Santa Casa de São Paulo. MÉTODOS: Avaliamos retrospectivamente, entre janeiro de 1979 a junho de 2005, os prontuários de 83 doentes submetidos a uma entre quatro modalidades operatórias: bulectomia por (mais) toracotomia, bulectomia por cirurgia torácica videoassistida (CTVA), drenagem de bolha por CTVA e drenagem de bolha com anestesia local, totalizando 92 operações. Os parâmetros analisados foram tempo de internação, complicações pós-operatórias, mortalidade perioperatória e tardia, além de parâmetros clínicos e funcionais pré e pós-operatórios. RESULTADOS: A morbidade foi de 40,2% e mortalidade pós-operatória precoce, de 4,3%. As complicações pós-operatórias tiveram relação com os antecedentes mórbidos dos doentes. Fatores como enfisema pulmonar difuso, múltiplas bolhas e idade não influenciaram nas complicações precoces. Houve melhora da sintomatologia e dos resultados funcionais em 94,5% dos doentes. Não houve recidiva das bolhas operadas. A mortalidade cinco anos após a operação foi de 18,3% e decorreu, principalmente, da progressão clínica do enfisema pulmonar difuso. CONCLUSÃO: Diversas modalidades operatórias foram realizadas para tratar bolhas pulmonares enfisematosas, desde a bulectomia por toracotomia, na fase inicial até a drenagem de bolha com anestesia local e talcagem, o método que preferencialmente realizamos nos dias atuais. Independente do método utilizado, entretanto, não obstante a morbidade relativamente elevada, os resultados pós-operatórios são bastante favoráveis, com baixa mortalidade e incontestável melhora clínico-funcional dos doentes operados. Resumo em inglês OBJECTIVE: Lack of Brazilian publications regarding this disease in Brazil led us to perform the current work to describe the historical evolution and to analyze results of the surgical treatment of Giant Emphysematous Lung Bullae at the Santa Casa de São Paulo. METHODS: We have retrospectively assessed, between January 1979 and June 2005, the medical records of 83 patients submitted to one of four surgical modalities: the thoracoscopic bullectomy, VATS bullectomy, VATS (mais) bullae drainage and bullae drainage with local anesthesia, totaling 92 surgeries. Parameters analyzed were hospitalization time, post-surgical complications, perioperative and late mortality in addition to clinical and functional pre- and post- surgical parameters. RESULTS: Morbidity was 40.2% and early post-surgical mortality 4.3%. Post-surgical complications were associated to the patient's morbid history. Factors such as diffuse pulmonary emphysema, multiple bullae and age did not influence early complications. There was an improvement in the symptomatology and functional results in 94.5% of the patients. There was no return on he operated bullae. Mortality five years after surgery was of 18.3% and arose, primarily from clinical progression of the diffuse pulmonary emphysema. CONCLUSIONS: Several surgical modalities were performed to treat the emphysematous lung bullae, from bullectomy to thoracotomy, at the initial phase until drainage of the bullae with local anesthesia and sprayed talc, the currently preferred modality. Regardless of the method used, however, notwithstanding the relatively high morbidity, post-surgical results are highly favorable with low mortality and uncontestable clinical-functional improvement of the operated patients.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

44

Ruptura brônquica após intubação com tubo de duplo lúmen: relato de caso/ Bronchial rupture after intubation with double lumen endotracheal tube: case report/ Rotura bronquica después de intubación con tubo de doble lumen: relato de caso

Bessa Júnior, Roberto Cardoso; Jorge, Jaci Custódio; Eisenberg, Agnaldo Ferreira; Duarte, Wallace Lage; Silva, Márcio Sérgio Carvalho
2005-12-01

Resumo em português JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: As lesões da árvore traqueobrônquica são complicações raras, porém graves após intubação ou broncoscopia. O objetivo deste relato foi chamar a atenção sobre a dificuldade de intubação seletiva que ocasionou ruptura brônquica associada a pneumomediastino e pneumotórax hipertensivo, com deformações de vias aéreas e óbito por resposta inflamatória sistêmica. RELATO DO CASO: Paciente do sexo masculino, 50 anos, portador de fís (mais) tula broncopleural secundária à ruptura de bolha no lobo superior de pulmão direito. Após a indução anestésica, houve dificuldade na intubação endobrônquica esquerda. Na terceira tentativa, desenvolveu quadro de hipoxemia, hipotensão e enfisema subcutâneo extenso, sendo submetido à drenagem torácica por pneumotórax hipertensivo. A fibrobroncoscopia mostrou laceração do brônquio esquerdo. Evoluiu com hemoptise, sendo necessária toracotomia esquerda para sutura de laceração brônquica. No pós-operatório, o paciente desenvolveu quadro de disfunção de múltiplos órgãos, evoluindo para óbito. CONCLUSÕES: A intubação seletiva é um procedimento que deve ser realizado com cautela, sendo necessário o reconhecimento de alguns fatores de risco e o diagnóstico precoce das complicações. Resumo em espanhol JUSTIFICATIVA Y OBJETIVOS: Las lesiones del árbol traqueobronquico son complicaciones raras, sin embargo después de intubación o broncoscopia pasan a ser graves. El objetivo de ese relato fue llamar la atención sobre la dificultad de intubación selectiva que ocasionó rotura bronquica asociada a pneumomediastino y neumotórax hipertensivo, con deformaciones de las vías aéreas y fallecimiento por la respuesta inflamatoria sistémica. RELATO DEL CASO: Paciente del se (mais) xo masculino, 50 años, portador de fístula broncopleural secundaria a la rotura de ampolla en el lobo superior de pulmón derecho. Después de la inducción anestésica, hubo dificultad en la intubación endobronquica izquierda. En la tercera tentativa, se desarrolló un cuadro de hipoxemia, hipotensión y enfisema subcutáneo extenso, siendo sometido a drenaje torácico por neumotórax hipertensivo. La fibrobroncoscopia mostró laceración del bronquio izquierdo. Evolucionó con hemoptisis, siendo necesaria toracotomia izquierda para sutura de la laceración bronquica. En el postoperatorio, el paciente desarrolló cuadro de disfunción de múltiples órganos, evolucionando en fallecimiento. CONCLUSIONES: La intubación selectiva es un procedimiento que debe ser realizado con cautela, siendo necesario el reconocimiento de algunos factores de riesgo y el diagnóstico precoz de las complicaciones. Resumo em inglês BACKGROUND AND OBJECTIVES: Tracheobronchial tree injuries are uncommon however severe complications after intubation or bronchoscopy. This report aimed at calling the attention to the difficult selective intubation, which has led to bronchial rupture associated to pneumomediastinum and hypertensive pneumothorax, with airway deformation and death by systemic inflammatory response. CASE REPORT: Male patient, 50 years old, with bronchopleural fistula secondary to bulla ruptu (mais) re in right lung upper lobe. After anesthetic induction it was difficult to intubate left bronchus. At the third attempt, patient developed hypoxemia, hypotension and extensive subcutaneous emphysema, being submitted to thoracic drainage for hypertensive pneumothorax. Fibrobronchoscopy has revealed left bronchus laceration. Patient evolved with hemoptysis, and left thoracotomy was necessary to suture bronchial laceration. Patient developed postoperative multiple organs dysfunction and evolved to death. CONCLUSIONS: Selective intubation is a procedure to be carefully performed, being necessary the understanding of some risk factors and the early diagnosis of complications.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

45

Drenagem torácica pós-pneumonectomia: sim ou não? Estudo retrospectivo/ Post-pneumonectomy thoracic drainage: to drain or not to drain? A retrospective study

Thomson, João Carlos; Ferreira Filho, Olavo Franco
2006-08-01

Resumo em português OBJETIVO: Avaliar a necessidade de realização de drenagem torácica pós-pneumonectomia. MÉTODOS: É relatada a experiência do Serviço de Cirurgia Torácica do Hospital Universitário de Londrina de janeiro de 1998 a dezembro de 2004. Trata-se de um estudo retrospectivo, em que foram analisados 46 pacientes pneumonectomizados, divididos em dois grupos: drenados e não drenados. As doenças foram as mesmas: neoplasia, bronquiectasia e tuberculose. RESULTADOS: Foram dr (mais) enados 21 pacientes e 25 não o foram. A complicação pós-operatória mais comum foi o enfisema subcutâneo (12 casos), sendo o tempo de internação menor (6,5 dias) nos pacientes não drenados em relação aos drenados (10,2 dias), sem que tenham sido observadas complicações graves. CONCLUSÃO: A evolução favorável dos 25 pacientes não drenados e o tempo de internação menor levam ao questionamento da necessidade de drenagem rotineira da cavidade pleural pós-pneumonectomia. Resumo em inglês OBJECTIVE: To evaluate the need for post-pneumonectomy thoracic drainage. METHODS: This was a retrospective study of 46 patients having undergone pneumonectomy in the Thoracic Surgery Department of the Londrina University Hospital between January of 1998 and December of 2004. Patients were divided into two groups: those having been submitted to drainage and those not having been. The diseases involved were lung cancer, bronchiectasis and tuberculosis. RESULTS: Drainage wa (mais) s used in 21 patients, whereas no drainage was used in 25. The most common postoperative complication was subcutaneous emphysema (12 cases). Hospital stays were of shorter duration among patients who were not submitted to drainage than among those who were (mean, 6.5 days vs. 10.2 days). No serious postoperative complications were observed in the group of patients not submitted to drainage. CONCLUSION: The findings that evolutions were more favorable and hospital stays were shorter for the patients not submitted to drainage call into question the need for routine post-pneumonectomy drainage.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

46

Rumenotomia em bovinos: uso da paramentação e de oxitetraciclina parenteral na profilaxia de complicações pós-operatórias/ Bovine rumenotomy: use of garment and parenteral oxytetraciclyne prophylaxis on post-operative complications

Silva, Luiz Antônio Franco da; Eurides, Duvaldo; Silva, Gabrielly Fernandes Salazar da; Monteiro, Jefferson Henrique Silva; Matos, Eline Silveira de; Castro, Glauciane Ribeiro de; Silva, Ediane Batista da; Silva, Olízio Claudino da; Fioravanti, Maria Clorinda Soares
2005-06-01

Resumo em português Utilizou-se a paramentação e a oxitetraciclina parenteral na profilaxia de complicações pós-operatórias em 28 bovinos fêmeas submetidos à rumenotomia, distribuídos em quatro grupos de sete animais. Nos bovinos dos grupos I (GI) e II (GII), as rumenotomias foram realizadas seguindo normas de paramentação do cirurgião e do auxiliar, enquanto que, nos animais dos grupos III (GIII) e IV (GIV) essa conduta não foi adotada. No pós-operatório, utilizou-se antibiot (mais) ico parenteral à base de oxitetraciclina nos animais do GI e GIII. As principais complicações observadas no pós-operatório foram: edema, enfisema subcutâneo, deiscência de pontos da ferida de sutura e peritonite. Verificou-se que a paramentação contribuiu positivamente na redução do tempo de cicatrização. O uso parenteral de antibiótico não influenciou no tempo de recuperação dos animais, quando o cirurgião e o auxiliar não se paramentaram. Resumo em inglês The effects of surgical garment of surgeon and auxiliary and the use of antibiotic were evaluated for the occurrence of postoperative complications in 28 cows submitted to rumenotomy the cours were equally allotted to the following groups: Group I (GI) and II (GII), rumenotomy performed following standard surgery garment procedures for both surgeon and auxiliary; groups III (GIII) and IV (GIV) rumenotomy performed without garment. On the postoperative, parenteral antibiot (mais) ic with oxytetracycline was used on groups I and III. The main complications observed were: edema, subcutaneous emphysema, wound dehiscence and peritonitis. Surgical garmenting contributed positively to reduce healing time. The antibiotic tused did not influence recovery time within groups without surgical garmenting of surgeon and auxiliary.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

47

Surto de dictiocaulose em bovinos no município de Santa Maria, RS, Brasil/ Outbreak of dictyocaulosis in cattle in Santa Maria, RS, Brazil

Silva, Marcia Cristina da; Barros, Ricardo Rocha de; Graça, Dominguita Lühers
2005-06-01

Resumo em português Uma doença respiratória com morbidade de 7,1% e letalidade de 13,3% foi diagnosticada em terneiros de corte de 5 a 7 meses de idade na região central do Rio Grande do Sul, Brasil. Clinicamente, os bovinos apresentavam anorexia, perda de peso, tosse, taquipnéia, dispnéia, respiração abdominal e secreção nasal serosa. Lesões de necropsia observadas em dois terneiros incluíam acentuado edema pulmonar, enfisema e atelectasia pulmonares associados a nematódeos fili (mais) formes intra-bronquiais, com 8 a 10 cm de comprimento, morfologicamente compatíveis com Dictyocaulus viviparus. Histologicamente havia broncopneumonia fibrinosupurativa, peribronquite e peribronquiolite linfo-histioplasmocitária, hiperplasia do epitélio brônquico, bronquiolite obliterante e hiperplasia de pneumócitos tipo II. No interior dos brônquios e bronquíolos, observaram-se muitos exemplares adultos de D. viviparus. Nos alvéolos, ovos e larvas cercados por numerosos eosinófilos e poucas células gigantes multinucleadas também foram encontrados. Resumo em inglês A respiratory disease with morbidity and lethality rates respectively of 7.1% and 13.3% was diagnosed in 5-7 month-old beef calves from the central region of Rio Grande do Sul, Brazil. Clinical signs included anorexia, loss of weight, cough, tachypnea, dyspnea, abdominal respiration, and serous nasal discharge. Gross lesions found in the necropsy of two affected calves included pulmonary changes such as edema, emphysema and atelectasis which were associated with 8-10cm lo (mais) ng, filiform nematodes with morphology compatible with Dictyocaulus viviparus within the bronchi. Histologically there were fibrinosuppurative bronchopneumonia, lympho-histiocytic and plasmacytic peribronchitis and peribronchiolitis, bronchiolitis obliterans and type II pneumocyte hyperplasia. Within bronchi and bronchioli lumina there were numerous adult specimens of D. viviparus. Within alveoli there were numerous eggs and larvae of this nematode surrounded by large numbers of eosinophils and few multinucleated giant cells.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

48

Índice de exposição à sílica na atividade de mineração de ouro/ Silica exposure index in gold mining

Carneiro, Ana Paula Scalia; Barreto, Sandhi Maria; Siqueira, Arminda Lucia; La Rocca, Poliana Freitas
2006-02-01

Resumo em português OBJETIVO: Propor um índice que sintetize a exposição cumulativa à sílica, incluindo intensidade, duração e época da exposição e testá-lo em relação à presença e gravidade de silicose. MÉTODOS: Estudo transversal realizado com 140 ex-mineiros de ouro, residentes em duas localidades do Estado de Minas Gerais, examinados entre 11/1997 e 12/1999. Foram analisadas informações sobre história clínica e ocupacional, radiografia de tórax e espirometria. Casos (mais) borderline de silicose pela radiografia foram submetidos à tomografia computadorizada de alta resolução. O índice representa a soma dos escores extraídos da transformação logarítmica das taxas de concentração de sílica respirável nas diversas funções, minas e períodos trabalhados. Foram aplicados testes paramétricos para comparação das médias entre os grupos de interesse. RESULTADOS: O índice proposto apresentou-se discriminativo em relação ao desfecho principal (silicose) e aos desfechos secundários (enfisema e tuberculose) pulmonar no grupo total, incluindo os diversos estágios da doença, com valores p: 0,008, 0,016 e Resumo em inglês OBJECTIVE: To develop a cumulative silica exposure index, including time period, duration and intensity of exposure, and to test this index as for occurrence and severity of silicosis. METHODS: A cross-sectional study was carried out comprising 140 former gold miners from two localities in Southeastern Brazil between November 1997 and December 1999. Complete data on occupational and medical histories, chest x-rays and spirometry were analyzed. Borderline cases on the x-ra (mais) ys were also submitted to high-resolution chest computed tomography. The exposure index was the sum of scores obtained by logarithmic transformation of respirable silica concentration related to job tasks, mines and work time. Parametric tests were used for comparing averages between the groups of interest. RESULTS: The silica exposure index was able to discriminate the main outcome (silicosis) as well as other outcomes (tuberculosis and lung emphysema) in the whole group at p-values of 0.008, 0.016 and

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

49

Índice de exposição à sílica na atividade de mineração de ouro/ Silica exposure index in gold mining

Carneiro, Ana Paula Scalia; Barreto, Sandhi Maria; Siqueira, Arminda Lucia; La Rocca, Poliana Freitas
2006-02-01

Resumo em português OBJETIVO: Propor um índice que sintetize a exposição cumulativa à sílica, incluindo intensidade, duração e época da exposição e testá-lo em relação à presença e gravidade de silicose. MÉTODOS: Estudo transversal realizado com 140 ex-mineiros de ouro, residentes em duas localidades do Estado de Minas Gerais, examinados entre 11/1997 e 12/1999. Foram analisadas informações sobre história clínica e ocupacional, radiografia de tórax e espirometria. Casos (mais) borderline de silicose pela radiografia foram submetidos à tomografia computadorizada de alta resolução. O índice representa a soma dos escores extraídos da transformação logarítmica das taxas de concentração de sílica respirável nas diversas funções, minas e períodos trabalhados. Foram aplicados testes paramétricos para comparação das médias entre os grupos de interesse. RESULTADOS: O índice proposto apresentou-se discriminativo em relação ao desfecho principal (silicose) e aos desfechos secundários (enfisema e tuberculose) pulmonar no grupo total, incluindo os diversos estágios da doença, com valores p: 0,008, 0,016 e Resumo em inglês OBJECTIVE: To develop a cumulative silica exposure index, including time period, duration and intensity of exposure, and to test this index as for occurrence and severity of silicosis. METHODS: A cross-sectional study was carried out comprising 140 former gold miners from two localities in Southeastern Brazil between November 1997 and December 1999. Complete data on occupational and medical histories, chest x-rays and spirometry were analyzed. Borderline cases on the x-ra (mais) ys were also submitted to high-resolution chest computed tomography. The exposure index was the sum of scores obtained by logarithmic transformation of respirable silica concentration related to job tasks, mines and work time. Parametric tests were used for comparing averages between the groups of interest. RESULTS: The silica exposure index was able to discriminate the main outcome (silicosis) as well as other outcomes (tuberculosis and lung emphysema) in the whole group at p-values of 0.008, 0.016 and

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

50

Intoxicação grave por paraquat: achados clínicos e radiológicos em um sobrevivente/ Severe paraquat poisoning: clinical and radiological findings in a survivor

Neves, Fábio Fernandes; Sousa, Romualdo Barroso; Pazin-Filho, Antônio; Cupo, Palmira; Elias Júnior, Jorge; Nogueira-Barbosa, Marcello Henrique
2010-08-01

Resumo em português O paraquat é um herbicida não seletivo que possui grande importância toxicológica, sendo associado a altas taxas de letalidade, devidas principalmente à insuficiência respiratória. Este é o relato do caso de um homem de 22 anos admitido no departamento de emergência com queixa de dor de garganta, disfagia, hemoptise e dor retroesternal. Ele relatava a ingestão de cerca de 50 mL de uma solução de paraquat quatro dias antes da admissão hospitalar. A TC de tóra (mais) x exibia opacidades pulmonares, pneumomediastino, pneumotórax e enfisema subcutâneo. O paciente foi submetido a dois ciclos de terapia imunossupressora com ciclofosfamida, metilprednisolona e dexametasona. Os parâmetros gasométricos progressivamente melhoraram, e o paciente recebeu alta hospitalar após quatro semanas. Decorridos quatro meses da alta, o paciente foi submetido a controles clínico e tomográfico, os quais confirmaram a melhora clínica. Apresentamos também uma revisão sucinta da literatura, bem como uma discussão do processo de decisão terapêutica para intoxicação grave por paraquat. Resumo em inglês Paraquat is a nonselective contact herbicide of great toxicological importance, being associated with high mortality rates, mainly due to respiratory failure. We report the case of a 22-year-old male admitted to the emergency room with a sore throat, dysphagia, hemoptysis, and retrosternal pain after the ingestion of 50 mL of a paraquat solution, four days prior to admission. Chest CT scans revealed pulmonary opacities, pneumomediastinum, pneumothorax, and subcutaneous em (mais) physema. The patient was submitted to two cycles of immunosuppressive therapy with cyclophosphamide, methylprednisolone, and dexamethasone. The pulmonary gas exchange parameters gradually improved, and the patient was discharged four weeks later. The clinical and tomographic follow-up evaluations performed at four months after discharge showed that there had been further clinical improvement. We also present a brief review of the literature, as well as a discussion of the therapeutic algorithm for severe paraquat poisoning.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

51

Lesões da traquéia e grandes brônquios/ Tracheal and major bronchial injuries

Marsico, Giovanni Antonio; Azevedo, Dirceo Edson de; Montessi, Jorge; Clemente, Antonio Miraldi; Vieira, João Paulo
2000-06-01

Resumo em português As lesões traqueobrônquicas são raras, porém, no trauma de tórax, envolvem grande risco de vida. As suas manifestações são variáveis e não é incomum o diagnóstico ser protraído. O sucesso no diagnóstico e tratamento, freqüentemente, requer alto grau de suspeição e a correção cirúrgica como método de escolha. Após trauma fechado de tórax, a ruptura da traquéia e dos brônquios principais, geralmente, ocorre nas proximidades da carina. O rompimento d (mais) a árvore traqueobrônquica, ocasionado por acidentes em alta velocidade, com alto impacto e grande liberação de energia, geralmente está associado a outras lesões. Os sinais comumente presentes são: enfisema subcutâneo, dispnéia e hemoptise. Os achados radiológicos mais comuns incluem pneumotórax, pneumomediastino, fraturas de costelas e clavícula. As broncoscopias efetivamente rígida e flexível são considerados métodos diagnósticos eficazes, desde que manuseados por cirurgião torácico treinado. O diagnóstico precoce deve ser enfatizado, pois evita as complicações associadas ao reparo tardio das lesões. O mecanismo etiológico, o diagnóstico e os aspectos da terapêutica na literatura mundial são revistos e discutidos. Resumo em inglês Tracheobronchial injuries are rare but potentially life threatening. Their manifestations are variable and protean and misdiagnoses are common. Successful diagnosis and treatment often require a high level of suspection and unique surgical repairs to a given injury. Tracheal and main bronchial disruptions usually occurs after blunt chest trauma in the vicinity of the carina. Tracheobronchial disruptions occurred associated with high-energy impact trauma, and associated in (mais) juries were more common than they were to occur alone. Common presenting signs included subcutaneous emphysema, dyspnea, sternal tenderness, and hemoptysis. The most common were radiographic findings pneumothorax, pneumomediastinum, and clavicle or rib fractures. Rigid bronchoscopy and fiberoptic bronchoscopy were both highly accurate for the diagnosis but only when performed by trained thoracic surgeons. Emphasis has been placed on the importance of early diagnosis, to avoid the complications associated with a delayed repair. The etiological mechanisms, diagnostic and therapeutic aspects are reviewed and discussed.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

52

Intoxicação por organofosforados em búfalos (Bubalus bubalis) no Rio Grande do Sul/ Organophosphate poisoning in buffaloes (Bubalus bubalis) in southern Brazil

Grecco, Fabiane Borelli; Schild, Ana Lucia; Soares, Mauro Pereira; Raffi, Margarida Buss; Sallis, Eliza Simone Viégas; Damé, Maria Cecília
2009-03-01

Resumo em português Descreve-se um surto de intoxicação por organofosforados (ORFs) em búfalos (Bubalus bubalis) na região sul do Rio Grande do Sul. Os animais foram submetidos à aplicação de Expertan® pour-on (clorpirifós) na dose de 12mg/kg de peso animal para controle de infestação por piolhos e desenvolveram sinais clínicos de intoxicação em um período variável entre 7-45 dias após a exposição ao produto. Os sinais clínicos caracterizaram-se por anorexia, diarréia, s (mais) alivação intensa, incoordenação motora, tremores musculares, paresia e paralisia flácida, decúbito lateral e morte. Em conseqüência da intoxicação morreram 61 búfalos de um total de 267 animais sob risco. Foram realizadas três necropsias de búfalos que morreram 24-72 horas após o início dos sinais clínicos. As lesões macroscópicas caracterizaram-se por congestão e hemorragias intestinais, enfisema e edema pulmonares. Não foram observadas alterações microscópicas significativas em nenhum dos animais. Apesar da ausência de alterações histológicas no sistema nervoso central e periférico, os achados epidemiológicos, clínicos, macroscópicos e toxicológicos sugerem o diagnóstico de neurotoxicidade tardia induzida por ORFs. Resumo em inglês This paper describes organophosphate (ORF) poisoning in a herd of water buffaloes (Bubalus bubalis) in southern Brazil, which were treated with a single dose of 12mg/kg body weight of Expertan® pour-on (chlorpyriphos) to control ectoparasites. Clinical signs, observed 7-45 days after exposure, were diarrhea, hypersalivation, ataxia, muscular tremors, weakness of pelvic limbs, paresis and flaccid paralysis and lateral recumbence. Out of 267 buffaloes 61 died. Necropsy of (mais) three animals that died 24-72 hours after onset of clinical signs, revealed congestion and serosal hemorrhages scattered along the bowel, emphysema and edema of the lungs. No significant histopathological changes were found. Residues of chlorpyriphos were detected in liver, kidneys and nervous system of the one necropsied buffalo. Despite the absence of histological lesions in the central and peripheral nervous system, the epidemiological, clinical, gross and toxicological findings suggest delayed neurotoxicity induced by organophosphates.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

53

Histoplasmose pulmonar cavitária crônica simulando tuberculose/ Chronic pulmonary histoplasmosis mimicking tuberculosis

Unis, Gisela; Severo, Luiz Carlos
2005-08-01

Resumo em português OBJETIVO: Avaliar os casos de histoplasmose pulmonar crônica ocorridos nos últimos anos, atendidos no Complexo Hospitalar Santa Casa de Porto Alegre (RS). MÉTODOS: Foram revisados os casos atendidos nos últimos 25 anos no Complexo Hospitalar Santa Casa de Porto Alegre e descritos quatro casos diagnosticados por cultivo e/ou achado histopatológico, corroborados por teste soromicológico. São comentados os casos da literatura brasileira. RESULTADOS: As manifestações (mais) clínicas preponderantes foram tosse produtiva, dispnéia, febre, anorexia e emagrecimento. Nos achados radiológicos pulmonares predominaram enfisema, cavidades cistóides, bronquiectasias e espessamento pleural. Os pacientes apresentaram história epidemiológica de contato com fezes de galinha. Num paciente, houve colonização de cavidade por Aspergillus fumigatus. CONCLUSÃO: A histoplasmose pulmonar crônica deve ser considerada na presença de lesões cavitárias em lobos superiores em pacientes com doença pulmonar obstrutiva crônica, baciloscopia negativa no escarro e não reatores à tubeculina. Hemoptise em vigência de lesões tardias ou doença curada sugerem colonização aspergilar. Resumo em inglês OBJECTIVE: To evaluate cases of chronic pulmonary histoplasmosis diagnosed in recent years at the Complexo Hospitalar Santa Casa in Porto Alegre, in the state of Rio Grande do Sul, Brazil. METHODS: Cases diagnosed at the Santa Casa Hospital Complex within the last 25 years were reviewed. Four cases in which the diagnosis was made through histopathological analysis or culture and confirmed by with serologic testing are described. Cases from the Brazilian literature are als (mais) o discussed. RESULTS: The principal clinical manifestations were cough, dyspnea, fever, anorexia and weight loss. Among the radiological findings were emphysema, cystic cavities, bronchiectasis and pleural thickening. All patients had an epidemiological history of contact with chicken feces. One of the patients presented Aspergillus fumigatus colonization of cavities. CONCLUSION: Chronic pulmonary histoplasmosis must be considered in patients with chronic obstructive pulmonary disease presenting cavitary lesions of the lung, sputum smear microscopy negative for acid-fast bacilli and negative tuberculin skin test. Hemoptysis occurring in the presence of cured or fading pulmonary lesions is suggestive of Aspergillus colonization.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

54

Corpo estranho perfurante cervical: relato de caso/ Cervical perforating foreign body: case report

Pinto, F.R.; Durazzo, M.D.; Cordeiro, A.C.; Ferraz, A.R.
2000-03-01

Resumo em português As perfurações cervicais por corpos estranhos são incomuns. Sua abordagem cirúrgica depende do grau de lesão das vísceras cervicais e do desenvolvimento de sinais e sintomas de infecção cérvico-mediastinal. OBJETIVO: O presente artigo objetiva registrar a ocorrência de trauma perfurante cervical por fragmento de arame com lesão de laringe e hipofaringe dando origem a extenso enfisema cérvico-mediastinal. Correlações anátomo-clínicas e a conduta adotada sã (mais) o discutidas MATERIAL E MÉTODOS: O caso relatado é o de um indivíduo de 28 anos, do sexo masculino, vítima de ferimento perfurante na região cervical anterior por fragmento de arame. O corpo estranho assestou-se no espaço retrofaríngeo do doente, ao nível da 6a vértebra cervical, após perfurar a laringe e a hipofaringe. Não há caso semelhante relatado na literatura. A documentação radiológica do caso é apresentada. Apesar da potencial gravidade das lesões, o doente evoluiu bem e não necessitou de tratamento cirúrgico. CONCLUSÕES: O caso em questão, além de ilustrar, através dos exames de imagem, a complexa anatomia das fáscias e dos espaços cervicais profundos, demonstra a possibilidade da aplicação do tratamento conservador em grande parte das lesões traumáticas de laringe e hipofaringe. Resumo em inglês BACKGROUND: Neck perforations by foreign bodies are uncommon. The surgical approach depends on the extension of visceral wounds and the development of cervical or mediastinal infection. PURPOSE: The objective of this paper is to report a neck perforation trauma by a piece of wire, with associated laryngeal and hypopharyngeal wounds and extensive cervico-mediastinal emphysema. Anatomic and clinical correlations are discussed, as well as the management of the case. MATERIAL (mais) AND METHODS: A 28-year-old male patient suffered a perforating trauma in his neck by a piece of wire. This foreign body was laid in the retropharyngeal space, at the level of the sixth cervical vertebra, after perforating the larynx and hypopharynx. There are no similar cases previously reported. The imaging tests are presented. Despite the potential severity of the lesions, the patient had a favorable outcome, and no surgical approach was necessary. CONCLUSIONS: This case illustrates, by the imaging tests, the complex anatomy of the cervical fasciae and deep neck spaces, and confirms the possibility of conservative management in a great number of laryngeal and hypopharygeal traumatic lesions.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

55

Estudo comparativo entre sutura manual e mecânica de coto brônquico em cães submetidos à pneumonectomia esquerda: avaliação histopatológica do pulmão direito e avaliação eletrocardiográfica/ Comparative study between manual and mechanical suture of bronchial stamp in dogs submited to left pneumonectomy: histopahological evaluation of right lung and electrocardiographical evaluation

Irino, Eduardo Toshio; Stopiglia, Angelo João; Larsson, Maria Helena Matiko Akao; Guerra, José Luis; Simões, Edson Azevedo; Shinkai, Marcos Toshio; Fantoni, Denise Tabacchi; Otsuki, Denise Aya; Freitas, Rodrigo Ramos de; Saldiva, Paulo Hilario Nascimento; Jatene, Fabio Biscegli
2004-02-01

Resumo em português O presente estudo teve como objetivo avaliar as possíveis alterações eletrocardiográficas e as alterações histopatológicas no pulmão de cães submetidos à pneumonectomia esquerda em abordagem comparativa entre dois tipos de sutura de coto brônquico (manual e mecânica). Foram utilizados doze cães, machos e fêmeas, adultos, sem raça definida, pesando entre quinze e vinte quilos sendo avaliados as alterações microscópicas apresentadas pelo pulmão direito e (mais) as alterações do eletrocardiograma. Todos os animais apresentaram-se em condições clínicas satisfatórias no período pós-operatório. As principais alterações eletrocardiográficas observadas no período pós-operatório foram desvio de eixo cardíaco, bloqueio sinoatrial e isquemia de miocárdio. No exame histopatológico, constatou-se atelectasia pulmonar, proliferação de epitélio de bronquíolo tendendo à obliteração, bronquiolite obliterante e enfisema pulmonar. O estudo sugere ainda que o pulmão direito foi submetido à hipertensão pulmonar. Resumo em inglês The study had purpose to evaluate the possible electrocardiographical alterations and the histopathological alterations in the lung of dogs submited by left pneumonectomy with comparative approach between two types of suture of bronchial stamp (manual and mechanical). We used twelve dogs, males and females, adults, mongrel dogs, weighting between 15 and 20 kilograms and evaluated the macroscopic alterations of right lung and the alterations of electrocardiogram. All anima (mais) ls showed clinical condition satisfactory in the post operated time. The electrocardiographical alterations were deviation of cardiac axis, sinoatrial block and miocardial isquemia. The histopathological alterations were pulmonary atelectasis, proliferations of bronchiole epithelium tended to obliterations and pulmonary emphysema. The study suggested that right lung was submited to pulmonary hipertension.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

56

Ruptura traumática de via aérea em criança: um desafio diagnóstico/ Traumatic airway disruption in a child: a diagnostic challenge

Ventura, Andréa Maria Cordeiro; Góes, Patrícia Freitas; Otoch, José Pinhata; Fernandes, José Carlos
2005-04-01

Resumo em português OBJETIVO: Relatar um caso de ruptura da via aérea em criança vítima de trauma torácico decorrente de queda do tanque de lavar roupas. DESCRIÇÃO: Relato de caso descritivo. O paciente pré-escolar de 34 meses, do sexo masculino foi atendido na unidade de terapia intensiva pediátrica de Hospital Universitário. Foram realizados os seguintes procedimentos: radiografia simples e tomografia de tórax, endoscopia respiratória, toracotomia, antibioticoterapia, ventilaç� (mais) �o mecânica. A radiografia simples de tórax, tomografia computadorizada de tórax e endoscopia respiratória foram necessárias para definir o diagnóstico de ruptura traumática da via aérea associada a contusão pulmonar, pneumotórax, pneumomediastino e enfisema subcutâneo. O paciente foi submetido a toracotomia para reparação de lesão quase completa de brônquio principal esquerdo. Antibioticoterapia de largo espectro e suporte ventilatório contribuíram para resolução do caso sem seqüelas a médio prazo. COMENTÁRIOS: Na vigência de trauma torácico em criança, a busca diagnóstica por lesões incomuns, mas potencialmente letais, como a ruptura da via aérea, deve ser incessante, particularmente naqueles pacientes com fortes evidências clínicas. A complementação diagnóstica deve ser otimizada com a radiografia simples de tórax, a tomografia de tórax e o exame endoscópico que estabelece o diagnóstico definitivo. Resumo em inglês OBJECTIVE: To report a case of airway disruption in a child victim of blunt thoracic trauma due to falling off a sink. DESCRIPTION: Descriptive case report. A 34-month old boy victim of thoracic trauma was seen at the pediatric intensive care unit of a university hospital. Plain chest radiograph, thoracic computed tomography, bronchoscopy, thoracotomy, antibiotics, hemodynamic and respiratory support were performed. Plain chest radiograph, thoracic computed tomography and (mais) bronchoscopy were performed in order to arrive at a precise diagnosis of traumatic airway disruption associated with pulmonary contusion, pneumothorax, mediastinal and subcutaneous emphysema. The patient underwent thoracotomy for surgical repair of an almost complete disruption of the left main bronchus. Antibiotics and ventilatory support contributed to a favorable outcome without medium-term sequelae. COMMENTS: Children presenting with thoracic trauma must be investigated for uncommon, but potentially lethal injuries, such as tracheobronchial disruption, particularly in cases where there is strong clinical evidence. Diagnostic workup should be optimized with plain chest radiograph and thoracic computed tomography, while bronchoscopy will confirm the definitive diagnosis.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

57

Cricotireoidotomia modificada: opção para remoção das secreções traqueobrônquicas/ Modified crichothyroidotomy: an alternative for tracheobronchial secretions removal

SPIANDORELLO, WILSON PALOSCHI; PINTO FILHO, DARCY RIBEIRO; BASSANI, GISELE; SPIANDORELLO, FRANCA STEDILE ANGELI
2002-04-01

Resumo em português Introdução: As medidas naturais para remoção das secreções traqueobrônquicas, como nebulizações, drenagem postural e fisioterapia respiratória, nem sempre são efetivas. Objetivo: Avaliar uma técnica cirúrgica alternativa, a cricotireoidotomia modificada, para aspiração das secreções traqueobrônquicas. Método: A cricotireoidotomia modificada consiste na introdução de uma sonda uretral nº 8, 10 ou 12, na membrana cricotireoidiana para estimular a t (mais) osse e aspirar secreções. Foi feito um estudo descritivo dos benefícios e complicações imediatas e tardias do uso dessa técnica em 45 pacientes com secreções traqueobrônquicas excessivas inadequadamente removidas pelos métodos habituais. Resultados: As complicações cirúrgicas imediatas foram sangramento local (10 pacientes), desvio de orofaringe (três), enfisema subcutâneo (um) e dificuldade de introdução (um). O tempo médio de permanência do cateter foi de 14 ± 16 dias. Em todos os casos o cateter provocou tosse e permitiu a aspiração das secreções com facilidade. A intercorrência mais freqüente (17 pacientes) foi a expulsão do cateter por tosse, seu manuseio inadequado nas aspirações e movimentação dos pacientes. Conclusão: Esta é uma técnica simples, com baixa morbidade, sendo uma alternativa efetiva para a aspiração de secreções traqueobrônquicas. Resumo em inglês Introduction: Inhalations, postural drainage and respiratory physiotherapy are not always effective in removing tracheobronchial secretions. Objectives: To evaluate an alternative surgical technique, modified crichothyroidotomy, to aspirate tracheobronchial secretions. Method: Modified crichothyroidotomy is the introduction of a catheter number 8, 10 or 12 into the crichothyroid membrane in order to stimulate coughing and the aspiration of secretions. This is a descriptiv (mais) e study of the benefits as well as immediate and late complications caused by the use of this technique in 45 patients with excessive tracheobronchial secretions inadequately removed by usual methods. Results: Immediate surgical complications were bleeding (10 patients), oropharynx deviation (3), subcutaneous emphysema (1) and difficult introduction (1). Mean catheter permanence was 14 ± 16 days and, in all cases, the catheter provoked coughing and allowed the easy aspiration of secretions. The most frequent occurrence (17 patients) was the expulsion of the catheter by coughing, inadequate catheter handling during aspiration and moving of the patients. Conclusion: This is a simple technique with a low morbidity rate and represents constitutes an effective alternative to be used in the aspiration of tracheobronchial secretions.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

58

Colecistectomia laparoscópica com utilização de três portos: estudo preliminar/ Laparoscopic cholecystectomy utilizing three ports: preliminary study

Araújo, Fábio Chaves de; Rodrigues, André Luiz Santos; Leão Júnior, Derval; Fischer, Adolfo Carlos de Menezes
1998-12-01

Resumo em português A Colecistectomia Laparoscópica (CL) é freqüentemente realizada com quatro portos e três cirurgiões. Com o objetivo de possibilitar maior mobilidade à equipe cirúrgica e diminuir os custos do procedimento adotamos a CL por três portos. De setembro de 1994 a agosto de 1996, 169 CL por três portos foram realizadas, 133 (78,6%) no sexo feminino e 36 (21,3%) no sexo masculino. A média de idade foi de 45,6 anos. Houve a necessidade do quarto porto em três (1,8 %) e (mais) ocorreu a conversão para colecistectomia aberta em três (1,8%). Das 169 CL por três portos propostas houve sucesso em 163 (96,4%). O tempo médio do ato operatório foi de 78,4 minutos. As complicações peroperatórias ocorreram em seis casos (3,6%): lesão do ducto cístico - dois (1,2%), hemorragia do porto epigástrico - dois (1,2%), hemorragia do leito vesicular- um (0,6%), enfisema subcutâneo - um (0,6%). As complicações pós-operatórias estiveram em cinco casos (3,0%): infecção do porto umbilical - dois (1,8%), íleo prolongado - um (0,6%), coleperitôneo - um (0,6%), coledocolitíase residual- um (0,6%). Não houve óbito. Conclui-se que a CL por três portos apresenta vantagens frente à CL por quatro portos, pois propicia maior mobilidade à equipe cirúrgica, utiliza menor quantidade de instrumental laparoscópico sugerindo menor custo hospitalar e permite melhor resultado estético. Resumo em inglês Laparoscopic cholecystectomy (LC) is the treatment of choice for gallbladder stones. The operative technique of the LC reported by most authors requires the use of four ports. The aim of this study was to appears our initial trial with the LC using three ports with the objective of increase the mobility of the surgeons 's team and reduce the procedure charge. From september 1994 to august 1996, 169 three portals LC were carried out, 133 (78.6%) were females and 36 (21.3%) (mais) were males. The median age was45,6 years, ranging from 7 to 91 years. The 169 three portals LC performed, 163 (96.4%) were sucessful, three (1.8%) were necessary to use the fourth port and three (1.8%) were converted for open cholecystectomy due choledocolithiasis. The median time of surgery was 78.4 minutes, ranging from 23 to 170 minutes. Perioperative complications occurred in six (3.6%) cases: cystic duct rupture - two (1.2%), epigastric portal hemorrhage -two (1.2%), gallbladder's bed hemorrhage - one (0.6%); subcutaneous emphysema - one (0.6%). Post-operative complications occurred in five cases (3.0%): infection of the navel portal- two (1.8%), prolonged ileus - one (0.6%), choleperitoneum - one (0.6%); residual choledocolithiasis - one (0.6%). No death occurred. The authors concluded that three portals LC offers advantages over four portals LC for allows a higher mobility of the surgeons’s team, uses smaller amount of laparoscopic instruments which suggests reduced procedure charge and allows better aesthetical result.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

59

Prevalência de achados pulmonares em 55 pacientes com neoplasias esofagianas/ Prevalence of lung abnormalities in 55 patients with esophageal cancer

Zan, Tiago Alves de Brito; França, Fabrício Corrêa de; Muniz, Marcos Pontes; Cordeiro, José Antônio; Borim, Aldenis Albenese; Cury, Patrícia Maluf
2005-02-01

Resumo em português OBJETIVO: Identificar alterações pulmonares em pacientes com neoplasia esofágica. Comparar os dados obtidos, além de mostrar sua relação com o tabagismo. MATERIAIS E MÉTODOS: Estudo transversal tipo série de casos. Foram analisados prontuários e exames de imagem (tomografias computadorizadas e radiografias) de 55 pacientes com câncer de esôfago, diagnosticados entre 1998 e 2001, no Hospital de Base de São José do Rio Preto. Comparou-se a freqüência dos tumo (mais) res encontrados e outras alterações pulmonares em dois grupos de pacientes: tabagistas e não tabagistas. RESULTADOS: Quarenta e seis (83%) pacientes apresentaram carcinomas espinocelulares, sete (13%) adenocarcinomas, um (2%) carcinoma de pequenas células e um (2%) linfoma não-Hodgkin. Quarenta e oito (87%) pacientes eram tabagistas e sete (13%) eram não tabagistas. Entre os tabagistas, 89% possuíam carcinoma espinocelular, 9% adenocarcinoma e 2% carcinoma de pequenas células. Entre os não tabagistas, 57% apresentaram adenocarcinoma, 28% carcinoma espinocelular e 15% linfoma não-Hodgkin. Houve metástases em quatro tabagistas e em dois não tabagistas. A prevalência das alterações pulmonares (infiltrado intersticial, enfisema e pneumonia) foi maior nos tabagistas (73%) do que nos não tabagistas (27%) (p = 0,03). CONCLUSÃO: Este fato reforça a importância da avaliação pulmonar nos pacientes com neoplasia esofágica. Resumo em inglês OBJECTIVE: To identify lung abnormalities in patients with esophageal cancer, to compare the obtained data and to demonstrate its relationship with smoking. MATERIALS AND METHODS: This was a series of cases type of cross-sectional study. We studied 55 patients with esophageal carcinoma diagnosed between 1998 and 2001 at "Hospital de Base de São José do Rio Preto", SP, Brazil. Chest plain films and computed tomography scans were analyzed. The frequency of the tumors and (mais) other lung abnormalities in two groups of patients were compared: smokers and non-smokers. RESULTS: Forty-six (83%) patients had spinous cell carcinoma, seven (13%) adenocarcinomas, one (2%) carcinoma of small cells and one (2%) non-Hodgkin lymphoma. Forty-eight (87%) patients were smokers and seven (13%) were non-smokers. In the smokers group, 89% had spinous cell carcinoma, 9% adenocarcinoma and 2% small cells carcinoma. In the non-smokers group, 57% had adenocarcinoma, 28% spinous cell carcinoma and 15% non-Hodgkin lymphoma. Metastases were identified in four smokers and in two non-smokers. The prevalence of the lung abnormalities (interstitial infiltration, emphysema and pneumonia) was higher in the smokers group (73%) than in the non-smokers group (27%) (p = 0.03). CONCLUSION: This fact reinforces the importance of evaluation of the lungs in patients with esophageal neoplasms.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

60

Barotrauma pulmonar no intra-operatório de procedimento cirúrgico oftalmológico: relato de caso/ Intraoperative pulmonary barotrauma during ophthalmologic surgery: case report/ Barotrauma pulmonar en el intraoperatorio de procedimiento quirúrgico oftalmológico: relato de caso

Zugliani, Affonso Henrique; Claro, Flávia; Mega, Ana Cláudia C.; Rodrigues, Marcelo F.; Ancelmé, Gilblainer
2008-02-01

Resumo em português JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: Acidentes anestésicos graves por mau funcionamento de ventiladores mecânicos tornaram-se raros nos tempos atuais. Porém, detalhes técnicos, mesmo em aparelhos de fabricação recente, podem resultar em armadilhas para o anestesiologista e ameaçar a segurança do paciente. O objetivo deste relato de caso foi enfatizar a necessidade de análise criteriosa do material em uso, assim como de detectar e tratar o pneumotórax hipertensivo intra-op (mais) eratório. RELATO DO CASO: Paciente do sexo feminino, 16 anos, estado físico ASA I, submetida a recobrimento conjuntival de córnea sob anestesia geral. A manutenção foi feita com isoflurano e ventilação controlada mecânica. A anestesia transcorreu sem anormalidades. Na fase final do procedimento cirúrgico, após mobilização do aparelho de anestesia para o início do procedimento de despertar, observou-se quadro de hipóxia, hipotensão arterial e dificuldade ventilatória. Retirados os campos cirúrgicos, evidenciou-se importante enfisema subcutâneo, envolvendo a face, o pescoço e o membro superior. Procedeu-se à troca da cânula traqueal, observando-se a presença de sangue em seu interior. A radiografia de tórax confirmou o diagnóstico de pneumotórax, que foi prontamente drenado. A inspeção no equipamento revelou acotovelamento da mangueira que liga a região inferior do canister ao corpo do aparelho, em função da mobilização do braço articulado, bloqueando o fluxo normal de gases e levando a barotrauma pulmonar. CONCLUSÕES: O pneumotórax hipertensivo durante anestesia geral com ventilação com pressão positiva deve ser sempre um acidente a ser considerado. Múltiplos fatores podem precipitá-lo, o que exige alto grau de suspeição sempre que estiverem envolvidos no ato anestésico-cirúrgico. O equipamento de anestesia deve ser cuidadosamente examinado para que sejam detectadas potenciais causas de acidentes anestésicos. Resumo em espanhol JUSTIFICATIVA Y OBJETIVOS: Accidentes anestésicos graves por mal funcionamiento de ventiladores mecánicos se hicieron escasos en los tiempos actuales. Sin embargo, detalles técnicos, incluso en aparatos de reciente fabricación, pueden ser trampas para el anestesiólogo y amenazar la seguridad del paciente. El objetivo de este relato de caso fue enfatizar la necesidad de un análisis de criterio del material en uso, como también detectar y tratar el neumotórax hipert (mais) ensivo intraoperatorio. RELATO DEL CASO: Paciente del sexo femenino, 16 años, estado físico ASA I, sometido al recubrimiento conjuntival de córnea bajo anestesia general. El mantenimiento se hizo con isoflurano y ventilación controlada mecánica. La anestesia transcurrió sin anormalidades. En la fase final del Procedimiento Quirúrgico, después de la movilización del aparato de anestesia para iniciar el Procedimiento de despertar, se observó un cuadro de hipoxia, hipotensión arterial y dificultad en la ventilación. Retirados los campos quirúrgicos, se vio un importante enfisema subcutáneo, involucrando la cara, el cuello y el miembro superior. Se procedió entonces al cambio de la cánula traqueal, observando la presencia de sangre en su interior. La radiografía de tórax confirmó el diagnóstico de neumotórax, que fue rápidamente drenado. La inspección en el equipo reveló un amontonamiento de la manguera que conecta la región inferior del canister al cuerpo del aparato, en función de la movilización del brazo articulado, bloqueando el flujo normal de gases y conllevando a baro trauma pulmonar. CONCLUSIONES: El neumotórax hipertensivo durante anestesia general con ventilación con presión positiva debe ser siempre un accidente a ser considerado. Múltiples factores pueden precipitarlo, lo que exige un alto grado de sospecha siempre que estén involucrados en el acto anestésico quirúrgico. El equipo de anestesia debe ser cuidadosamente examinado para que se detecten potenciales causas de accidentes anestésicos. Resumo em inglês BACKGROUND AND OBJECTIVES: Nowadays, severe anesthetic complications caused by the improper use of mechanical ventilators are rare. However, technical details even in recent models can be a trap for the anesthesiologist and threaten patient safety. The objective of this report was to demonstrate the importance of a careful analysis of the device to be used, as well as to detect and treat intraoperative tension pneumothorax. CASE REPORT: A 16-year old female patient, physi (mais) cal status ASA I, underwent corneal conjunctival covering under general anesthesia. Anesthesia was maintained with isoflurane and controlled mechanical ventilation. No abnormalities were observed during anesthesia. At the final phase of the surgery, after mobilizing the anesthesia device to start the awakening process, the patient developed hypoxia, hypertension and ventilatory difficulties. After removal of the sterile drapes from the surgical field, subcutaneous emphysema was evident in the face, neck and upper limb. The tracheal cannula, which contained blood, was changed. A chest X-ray confirmed the diagnosis of pneumothorax that was immediately drained. Inspection of the equipment revealed the presence of a kink in the tubing connecting the inferior portion of the canister to the equipment itself caused by mobilization of the articulated arm, blocking the normal flow of gases and leading to pulmonary barotrauma. CONCLUSIONS: The development of tension pneumothorax during general anesthesia with positive pressure ventilation should always be considered. Several factors can contribute to the development of this condition, which should be considered when they are present during surgeries. The anesthesia equipment should be examined carefully to detect potential causes of anesthetic complications.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

61

Imagem em tuberculose pulmonar/ Pulmonary tuberculosis imaging

BOMBARDA, SIDNEY; FIGUEIREDO, CLÁUDIA MARIA; FUNARI, MARCELO BUARQUE DE GUSMÃO; SOARES JÚNIOR, JOSÉ; SEISCENTO, MÁRCIA; TERRA FILHO, MÁRIO
2001-11-01

Resumo em português A tuberculose é uma doença de alta incidência e prevalência no Brasil. Sinais sugestivos de atividade ou seqüela da tuberculose podem ser obtidos através dos métodos de imagem. Na radiografia de tórax, a tuberculose pulmonar ativa pode manifestar-se sob a forma de consolidações, cavitações, padrões intersticiais (reticulares/retículo-nodulares), linfonodomegalias hilares ou mediastinais e derrame pleural. Imagens compatíveis com doença ativa, como nódulos (mais) centrolobulares de distribuição segmentar, cavidades de paredes espessas, espessamento de parede brônquica ou bronquiolar, bronquiectasias e linfonodomegalias, podem ser observadas pela tomografia computadorizada do tórax; cavidades de paredes finas, bronquiectasias de tração e estrias são imagens sugestivas de seqüela da doença, assim como o enfisema e o aspecto em mosaico do parênquima pulmonar. A cintilografia com o citrato de gálio-67 é um método complementar útil na detecção de processos infecciosos, incluindo a tuberculose, especialmente em pacientes imunossuprimidos. Estudos de inalação e perfusão pulmonar são utilizados na avaliação pré-operatória de pacientes com seqüelas de tuberculose ou tuberculose multirresistente. A tomografia por emissão de pósitrons utilizando a deoxiglicose marcada com o flúor-18 permite a detecção do processo inflamatório que ocorre na fase ativa da tuberculose e que pode persistir, em menor intensidade, após o término do tratamento. Métodos de imagem constituem importantes recursos para o diagnóstico e acompanhamento da tuberculose pulmonar. Resumo em inglês Tuberculosis is a disease of high incidence and prevalence in Brazil. Imaging methods can reveal signs suggestive of tuberculosis activity or sequelae. Chest radiographs can reveal active lung tuberculosis through consolidations, cavitations, interstitial patterns (nodular and reticulo-nodular), mediastinal or hilar lymphadenopathy and pleural effusions. Images compatible with the active disease, such as centrilobular nodules segmentarily distributed, thick-walled cavitie (mais) s, thickened bronchial or bronchiolar walls, bronchiectasis and lymphadenopathy can be observed by computerized tomography. Thin-walled cavities, traction bronchiectasis, parenchymal bands, emphysema and mosaic pattern are signs suggestive of inactive disease. Gallium-67 citrate scyntigraphy is a complementary method useful in the detection of infectious diseases, including tuberculosis, especially in immunocompromised patients. Inhalation / perfusion analyses are used in the pre-operative assessment of patients carrying tuberculosis sequelaes and multiresistant tuberculosis. Positron emission tomography with fluorine-18 labeled deoxyglucose allows the detection of the inflammatory process that takes place during the active stage of tuberculosis and may persist, not so intense, after specific treatment is over. Imaging methods are valuable tools to be used in the diagnosis and follow up of pulmonary tuberculosis.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

62

Analisando a dacriocistorrinostomia endoscópica: dificuldades e soluções/ Analyzing endoscopic dacryocystorhinostomy: difficulties and solutions

Knijnik, Denis
2007-06-01

Resumo em português OBJETIVO: Verificar a incidência de dificuldades operatórias em dacriocistorrinostomias endoscópicas, assim como propor soluções. MÉTODOS: Estudo retrospectivo que verificou nossos registros de 268 dacriocistorrinostomias endoscópicas endonasais, em 241 pacientes, realizadas de outubro de 1999 a agosto de 2005. A idade dos pacientes variou de 2 a 92 anos (média: 49,1 anos). A uncinectomia (remoção de parte do processo uncinado) foi utilizada como acesso à fossa (mais) lacrimal, não havendo necessidade de brocas. RESULTADOS: Houve dificuldades operatórias em 37 (13,8%) procedimentos. As dificuldades mais comuns foram: hemorragia (n=12) e anormalidades da anatomia nasal (n=14). Houve ainda dificuldade em alguns casos de mucocele, células etmoidais anteriores e processo uncinado resistente. Das alterações nasais que dificultaram a cirurgia, a mais comum foi desvio de septo, seguida de pólipos, hipertrofia da concha média e fratura da parede lateral. Complicações ocorreram em apenas 5 (1,9%) casos, incluindo epistaxe pós-operatória (n=3), enfisema subcutâneo na face e deslocamento do tubo de silicone. CONCLUSÃO: A dacriocistorrinostomia endoscópica endonasal com uncinectomia mostrou-se segura, com um mínimo de complicações no pós-operatório. Embora a maioria das cirurgias tenha transcorrido sem dificuldades, este procedimento pode ser tecnicamente difícil, principalmente na presença de hemorragia ou espaço nasal reduzido. Resumo em inglês PURPOSE: To assess the incidence of operative difficulties in endonasal endoscopic dacryocystorhinostomies, as well as to suggest solutions. METHODS: This retrospective study searched for reports of complications and intraoperative difficulties in our records of 268 endoscopic endonasal dacryocystorhinostomies, in 241 patients, performed from October 1999 to August 2005. The patients' age ranged from 2 to 92 years (mean: 49.1 years). Uncinectomy (partial excision of the u (mais) ncinate process) was employed as the entry to the lacrimal fossa, no drills being needed for the osteotomy. RESULTS: There were operative difficulties in 37 (13.8%) procedures. The most frequent sources of difficulty were hemorrhage (n = 12) and nasal anatomy abnormalities (n = 14). Less common sources were lacrimal sac mucocele, anterior ethmoid cells and resistant uncinate process. Of the nasal alterations disturbing surgery, the most common was septal deviation, followed by polyps, hypertrophied middle turbinate and fracture of the lateral wall. Complications were observed in 5 (1.9%) cases, including postoperative epistaxis (n = 3), subcutaneous emphysema and displacement of the silicone tube. CONCLUSION: Endonasal endoscopic dacryocystorhinostomy was shown to be a safe procedure, with a minimal incidence of postoperative complications. Its indication, however, is limited. Not all patients can undergo this technique without correction of nasal anatomy alterations. Though most surgeries with this technique present no difficulties, this procedure may be technically difficult, especially in the presence of hemorrhage or reduced nasal space.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

63

Tratamento cirúrgico das malformações pulmonares congênitas em pacientes pediátricos/ Surgical treatment of congenital lung malformations in pediatric patients

Ferreira, Hylas Paiva da Costa; Fischer, Gilberto Bueno; Felicetti, José Carlos; Camargo, José de Jesus Peixoto; Andrade, Cristiano Feijó
2010-04-01

Resumo em português OBJETIVO: Determinar as principais malformações congênitas pulmonares e os principais métodos diagnósticos utilizados, assim como as indicações de tratamento cirúrgico e os seus resultados em um serviço de referência de cirurgia torácica pediátrica. MÉTODOS: Foram revisados 52 prontuários de pacientes com diagnóstico anatomopatológico de malformações congênitas pulmonares e que foram submetidos à ressecção pulmonar entre janeiro de 1997 e dezembro de (mais) 2006. Os critérios de exclusão foram idade > 12 anos e dados clínicos incompletos. A amostra final foi composta de 35 pacientes. RESULTADOS: Nesta amostra, a média de idade foi de 31 meses, com predominância do sexo masculino (n = 21). Os achados anatomopatológicos foram malformação adenomatoide cística (n = 14), enfisema lobar congênito (n = 13), sequestro pulmonar (n = 8), e malformação arteriovenosa (n = 1). A ressecção mais comum foi a lobectomia inferior esquerda (25,71%), seguida por diferentes tipos de segmentectomia (22,85%), lobectomia superior esquerda (22,85%), lobectomia superior direita (14,28%), lobectomia inferior direita (8,57%) e lobectomia média (5,71%). Dos 35 pacientes, 34 (97,14%) foram submetidos à drenagem pleural fechada, com tempo médio de permanência do dreno torácico de 3,9 dias. Dez pacientes (28,5%) apresentaram complicações pós-operatórias. Não houve óbitos nesta série. CONCLUSÕES: A ressecção pulmonar para o tratamento das malformações pulmonares é um procedimento seguro, apresentando baixa morbidade e nenhuma mortalidade em um serviço de referência para doenças pulmonares. Resumo em inglês OBJECTIVE: To determine the main congenital lung malformations treated and the principal diagnostic methods employed, as well as the indications for surgical treatment and the results obtained, at a referral facility for pediatric thoracic surgery. METHODS: We reviewed the medical charts of 52 patients anatomopathologically diagnosed with congenital lung malformations and who had been submitted to pulmonary resection between January of 1997 and December of 2006. Exclusion (mais) criteria were age > 12 years and incomplete clinical data. The final sample comprised 35 patients. RESULTS: In this sample, the mean age was 31 months, and there was a predominance of males (n = 21). The anatomopathological findings were cystic adenomatoid malformation (n = 14), congenital lobar emphysema (n = 13), pulmonary sequestration (n = 8) and arteriovenous malformation (n = 1). The most common type of lung resection was left lower lobectomy (in 25.71%) followed by different types of segmentectomy (in 22.85%), left upper lobectomy (in 22.85%), right upper lobectomy (in 14.28%), right lower lobectomy (in 8.57%) and middle lobectomy (in 5.71%). Of the 35 patients, 34 (97.14%) were submitted to closed pleural drainage, with a mean duration of thoracic drainage of 3.9 days. Ten patients (28.5%) presented with postoperative complications. There were no deaths in our sample. CONCLUSIONS: Pulmonary resection for the treatment of congenital lung malformations is a safe procedure, presenting low morbidity and no mortality at a referral facility for pediatric thoracic surgery.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

64

Trauma de laringe/ Laryngeal trauma

Fraga, Gustavo Pereira; Mantovani, Mario; Hirano, Elcio Shiyoiti; Crespo, Agrício Nubiato; Horovitz, Ana Paula Novaes Campello
2004-12-01

Resumo em português OBJETIVO: O trauma da laringe é pouco freqüente. O objetivo do presente trabalho é avaliar os procedimentos e resultados no tratamento destas lesões. MÉTODO: Este trabalho baseou-se em estudo prospectivo de 35 de pacientes com trauma de laringe atendidos no período de janeiro de 1990 a abril de 2003. RESULTADOS: A média de idade foi de 31,4 anos, sendo 30 pacientes (85,7%) do sexo masculino. O mecanismo predominante foi o trauma penetrante (30 casos - 85,7%), a mai (mais) oria causada por ferimento por projétil de arma de fogo (17 casos - 48,6%). Dez pacientes (28,6%) necessitaram de intubação traqueal na admissão hospitalar e o valor médio do RTS foi de 7,28. As observações mais freqüentes no exame clínico das vítimas de trauma penetrante foram exposição de cartilagens da laringe (30%) e saída de ar pelo orifício do ferimento cervical (30%). Nos cinco pacientes (14,3%) com trauma contuso o achado mais freqüente foi enfisema subcutâneo (80%).O tratamento foi cirúrgico em 34 pacientes (97,1%), através de cervicotomia em colar na maioria dos casos (91,2%). A cartilagem tireóide foi a mais lesada (20 casos - 57,1%). Em 33 pacientes operados a lesão foi tratada com sutura, associada a traqueostomia em 24 casos (72,7%). Lesões cervicais associadas ocorreram em 20 casos (57,1%), sendo mais comum as de veia jugular (10 casos). A média do ISS e do TRISS foram, respectivamente, 16,3 e 0,93. A morbidade relacionada diretamente à lesão laríngea foi de 34,3% (12 casos), sendo mais freqüente a disfonia (seis casos). Foi necessária a reexploração cervical em dois pacientes, um devido a abscesso cervical e outro, tardiamente, por estenose supra-glótica, este último tratado com molde. Dois pacientes apresentaram complicações tardias, um com disfagia e outro com disfonia. A mortalidade pós-operatória foi de 5,7% (dois casos), decorrente de complicações não relacionadas ao trauma laríngeo. CONCLUSÕES: A utilização de condutas padronizadas na abordagem do paciente com trauma de laringe, tanto no diagnóstico como no tratamento definitivo, resulta em menor taxa de seqüelas definitivas. Resumo em inglês BACKGROUND: Evaluate the procedures and results in the treatment of the traumatic lesions of larynx. METHODS: Descriptive study on 35 patients with laryngeal trauma treated between January 1990 and April 2003. RESULTS: Predominant mechanism was the penetrant trauma (85.7%), the majority by gunshot wounds (48.6%). Ten patients (28.6%) required endotracheal intubation at the emergency room and mean RTS value was 7.28. The most frequent finding were exposition of laringeal c (mais) artilages (30%). In patients sustaining blunt trauma, the most frequent finding was subcutaneous emphysema. Optic fiber laringoscopy was perfomed in four cases. Surgical treatment was required in 34 patients (97.1%) and one was treated nonoperatively. The suture was performed in 33 patients associated with tracheostomy in 24 cases. The thyroid cartilage was the most frequently injured (57.1%). Cervical lesions associated occurred in 20 cases (57.1%). The mean ISS and TRISS values were, respectively, 16.3 and 0.93. The morbidity after laryngeal trauma was 34.3%. Reoperation was required in two patients, one due to cervical abscess and another, lately, by supraglottic stenosis, this last treated with a prothesis. Postoperative mortality was 5.7%. CONCLUSION: The standard management patients with laringeal trauma results in minor incidence of definitive sequels.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

65

Tuberculose em necropsias realizadas no Serviço de Anatomia Patológica da Faculdade de Medicina de Botucatu/ Tuberculosis in necropsies performed at the Department of Pathology of Botucatu Medical School

Joaquim, Andrei Fernandes; Carandina, Luana; Defaveri, Julio
2006-06-01

Resumo em português Entre 6.316 necropsias realizadas, no período de 1969 a 2000, no Departamento de Patologia da Faculdade de Medicina de Botucatu da Universidade Estadual Paulista (FMB/UNESP), foram encontradas 240 necropsias com diagnóstico de tuberculose, sendo 117 registradas como doença principal (grupo tuberculose/doença principal) e 123, como doença associada (grupo tuberculose/doença associada). No grupo tuberculose/doença principal, 100% apresentavam tuberculose ativa, com 8 (mais) 0 ocorrências em homens e 37 em mulheres e média de idade de 47,7 anos. Caquexia (37,2%) e cor pulmonale (23,7%) foram as co-morbidades mais prevalentes nesse grupo. Os pulmões estavam comprometidos em 95,7% dos casos, seguido pelos linfonodos (38,9%) e pleuras (27,1%). Os padrões morfológicos das lesões pulmonares foram: 1. miliar, 58,4%; 2. cavernas, 56,6%; 3. fibrose, 41,5%; 4. bronquiectasias, 26,5%; 5. enfisema, 19,4%; e 6. cistos, 1,7%. Cavernas foram observadas em diferentes áreas, com discreto predomínio no pulmão direito, sendo a localização apical preferencial (100%) e quase sempre bilaterais (94%). Lesões miliares, bronquiectasias e fibrose estavam distribuídas, de forma difusa e aleatória, nos pulmões. No grupo tuberculose/doença associada também houve predomínio de homens (70,8%). Nesses casos, a AIDS e o alcoolismo crônico foram as doenças principais mais freqüentes, representando 22% e 16,3%, respectivamente. Os pulmões estavam acometidos em 85,2% dessas necropsias (100% nos casos de AIDS), seguidos pelos linfonodos (31,9%) e baço (28,6%). Nossos dados corroboram a importância da necropsia no estudo e no conhecimento da tuberculose, fornecendo subsídios para uma melhor abordagem clínica e epidemiológica dessa doença em nossa região. Resumo em inglês Among 6,316 necropsies performed in the period 1969-2000 at the Department of Pathology of Botucatu Medical School UNESP, 240 were of tuberculosis. Among them, 117 were registered as the principal disease (tuberculosis/principal disease group) and 123, as associated to another disease (tuberculosis/associated disease group). In the tuberculosis-principal disease group, 100% had active tuberculosis, 80 patients were male and 37 were female, with mean age of 47.7 years. Cac (mais) hexia (37.2%) and cor pulmonale (23.7%) were the most prevalent comorbities in this group. The lungs were affected in 95.7% of the cases, followed by lymph nodes (38.9%) and pleura (27.1%). The morphology and frequency of pulmonary lesions were: 1. miliar: 58.4%; 2. caverns, 56.6%; 3. fibrosis, 41.5%; 4. bronchiectasias, 26.5%; 5. emphysema, 19.4% and 6. cysts, 1.7%. Caverns were observed in different areas of both lungs, with discreet predominance in the right lung, were located mainly in the apices (100%), and the great majority (94%) was bilateral. The others lesions were distributed randomly in both lungs. In the tuberculosis/associated disease group, 70.8% was male, and the two most frequent principal diseases were AIDS (22.1%) and alcoholism (16.3%). Also, the lung was the most affected organ (85.2%), followed by lymph nodes (31.9%) and spleen (28.6%). In 100% of AIDS there were pulmonary lesions. This study in necropsies reinforces epidemiological data that tuberculosis is an important disease, and, also, constitutes an invaluable tool to gather information for a better understanding of the pathology and the epidemiology of tuberculosis in our region.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

66

Imagem radiográfica da cavidade torácica de cães Golden Retriever acometidos pela distrofia muscular/ Radiologic images of the thoracic cavity of Golden Retriever dogs affected by muscular dystrophy

Alves, Flávio R.; Feitosa, Matheus L.T.; Gatti, André; Fadel, Leandro; Unruh, Silvana M.; Ambrósio, Carlos E.; Sterman, Franklin A.; Pinto, Ana C.B.C.F.; Miglino, Maria A.
2009-02-01

Resumo em português A distrofia muscular de Duchenne (DMD) é uma doença de origem genética, cuja principal manifestação clínica é enfraquecimento e atrofia progressiva dos músculos. Os cães da raça Golden Retriever podem apresentar distrofia muscular, com características genotípicas e fenotípicas muito próximas à distrofia muscular humana, sendo considerado o modelo animal mais apropriado para o estudo da DMD. Foram realizadas radiografias torácicas látero-laterais e dorsove (mais) ntrais de 10 cães Golden Retriever afetados pela distrofia muscular, com o objetivo de relatar as alterações radiográficas associadas a essa patologia. O exame radiográfico da cavidade torácica evidenciou: (a) padrão pulmonar intersticial e alveolar predominante, (b) um quadro de pneumonia e edema pulmonar em fase inicial, (c) a cardiomegalia como o principal achado de comprometimento circulatório na cavidade torácica, (d) O megaesôfago torácico foi observado deslocando a traquéia e silhueta cardíaca ventralmente e, (e) a cúpula diafragmática apresentou modificação morfológica, mostrando protrusão para o interior da cavidade torácica e hérnia hiatal, com deslocamento do estômago para o espaço mediastino caudal. Os achados de necropsia evidenciaram efusão pleural e enfisema pulmonar e lesões compatíveis com processos degenerativos e metaplásicos da musculatura diafragmática e intercostal. A avaliação radiográfica constituiu-se como um meio diagnóstico auxiliar essencial na identificação de doença cardíaca e respiratória em cães Golden Retriever acometidos pela Distrofia Muscular, capaz de identificar processos pneumônicos primários, permitindo o estabelecimento de terapêutica adequada de tratamento, com prognóstico reservado nos estágios mais avançados desta alteração. Resumo em inglês Duchenne Muscular Dystrophy (DMD) is a genetic disorder with clinical signs of muscular weaknesses and progressive atrophy. Golden Retriever dogs show similar genotypic and phenotypic characteristics to Human Muscular Dystrophy and are considered a proper animal model for DMD studies. Latero-lateral and dorso-ventral thoracic radiographies were obtained from 10 Golden Retriever dogs affected by muscular dystrophy, to investigate possible radiographic alterations. Thorax r (mais) adiographic examination revealed (a) interstitial and alveolar pattern, (b) initial phases of pneumonia and pulmonary edema, (c) cardiomegaly as a principal alteration in the thoracic cavity, (d) megaesophagus displacing the trachea and heart silhouette, and (e) cranial protrusion of the diaphragm lining into the thorax with development of a hiatus hernia displacing the stomach to the caudal mediastinum. Postmortem examination showed pleural effusion, pulmonary emphysema, degenerative and metaplasic processes in the diaphragm and intercostal muscles. Radiographic examination was considered essential for the diagnosis of cardiac and respiratory disease in Golden Retriever dogs affected by muscular dystrophy, and to identify the primary pulmonary process and to provide the establishment of suitable therapeutic treatment, with a reserved prognosis in advanced stage of the disease.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

67

Deficiência de alfa-1 antitripsina: diagnóstico e tratamento/ Alpha-1 antitrypsin deficiency: diagnosis and treatment

Camelier, Aquiles A; Winter, Daniel Hugo; Jardim, José Roberto; Barboza, Carlos Eduardo Galvão; Cukier, Alberto; Miravitlles, Marc
2008-07-01

Resumo em português A deficiência de alfa-1 antitripsina é um distúrbio genético de descoberta recente e que ocorre com freqüência comparável à da fibrose cística. Resulta de diferentes mutações no gene SERPINA1 e tem diversas implicações clínicas. A alfa-1 antitripsina é produzida principalmente no fígado e atua como uma antiprotease. Tem como principal função inativar a elastase neutrofílica, impedindo a ocorrência de dano tecidual. A mutação mais freqüentemente rela (mais) cionada à doença clínica é o alelo Z, que determina polimerização e acúmulo dentro dos hepatócitos. O acúmulo e a conseqüente redução dos níveis séricos de alfa-1 antitripsina determinam, respectivamente, doença hepática e pulmonar, sendo que esta se manifesta principalmente sob a forma de enfisema de aparecimento precoce, habitualmente com predomínio basal. O diagnóstico envolve a detecção de níveis séricos reduzidos de alfa-1 antitripsina e a confirmação fenotípica. Além do tratamento usual para doença pulmonar obstrutiva crônica, existe atualmente uma terapia específica com infusão de concentrados de alfa-1 antitripsina. Essa terapia de reposição, aparentemente segura, ainda não teve a eficácia clínica definitivamente comprovada, e o custo-efetividade também é um tema controverso e ainda pouco abordado. Apesar da sua importância, não existem dados epidemiológicos brasileiros a respeito da prevalência da doença ou da freqüência de ocorrência dos alelos deficientes. O subdiagnóstico também tem sido uma importante limitação tanto para o estudo da doença quanto para o tratamento adequado dos pacientes. Espera-se que a criação do Registro Internacional de Alfa-1 venha a resolver essas e outras importantes questões. Resumo em inglês Alpha-1 antitrypsin deficiency is a recently identified genetic disease that occurs almost as frequently as cystic fibrosis. It is caused by various mutations in the SERPINA1 gene, and has numerous clinical implications. Alpha-1 antitrypsin is mainly produced in the liver and acts as an antiprotease. Its principal function is to inactivate neutrophil elastase, preventing tissue damage. The mutation most commonly associated with the clinical disease is the Z allele, which (mais) causes polymerization and accumulation within hepatocytes. The accumulation of and the consequent reduction in the serum levels of alpha-1 antitrypsin cause, respectively, liver and lung disease, the latter occurring mainly as early emphysema, predominantly in the lung bases. Diagnosis involves detection of low serum levels of alpha-1 antitrypsin as well as phenotypic confirmation. In addition to the standard treatment of chronic obstructive pulmonary disease, specific therapy consisting of infusion of purified alpha-1 antitrypsin is currently available. The clinical efficacy of this therapy, which appears to be safe, has yet to be definitively established, and its cost-effectiveness is also a controversial issue that is rarely addressed. Despite its importance, in Brazil, there are no epidemiological data on the prevalence of the disease or the frequency of occurrence of deficiency alleles. Underdiagnosis has also been a significant limitation to the study of the disease as well as to appropriate treatment of patients. It is hoped that the creation of the Alpha One International Registry will resolve these and other important issues.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

68

Síndrome distérmica (hipertermia) em bovinos associada à intoxicação por Claviceps purpurea/ Dysthermic syndrome (hyperthermia) in cattle associated with poisoning by Claviceps purpurea

Ilha, Marcia R. S.; Riet-Correa, Franklin; Barros, Claudio S. L.
2001-06-01

Resumo em português Descrevem-se três surtos de síndrome distérmica (hipertermia) associada à intoxicação por Claviceps purpurea, em bovinos de leite durante o verão de 1999-2000, em três estabelecimentos do Rio Grande do Sul. De um total de 66 bovinos que ingeriram a ração contaminada com o fungo, 37 (56%) adoeceram até 3 meses após a introdução da ração contaminada. Os principais sinais clínicos foram temperatura retal elevada, pêlos compridos, longos e sem brilho, saliva (mais) ção intensa, respiração ofegante, com a boca aberta e, em alguns casos, com a língua para fora da cavidade oral. Os animais acometidos procuravam sombra ou permaneciam dentro d'água. Houve diminuição de 10 a 30% no consumo de alimentos e perda de peso. A redução na produção de leite foi de 30 a 50%. Os sinais clínicos se intensificavam durante o dia e eram diretamente proporcionais à elevação da temperatura ambiental. Os achados de necropsia em um bovino que foi eutanasiado, incluíram leve enfisema pulmonar, principalmente na região dorsal dos lobos pulmonares diafragmáticos. Histologicamente havia moderada hipertrofia da musculatura lisa dos bronquíolos e ruptura de septos alveolares formando cotos alveolares em clava. Nos três estabelecimentos onde ocorreram os surtos, escleródios de C. purpurea foram observados nas amostras de ração fornecida aos bovinos. Os animais afetados recuperaram-se após aproximadamente 60 dias da retirada da ração contaminada. O diagnóstico baseou-se em dados epidemiológicos, sinais clínicos, na presença de escleródios de C. purpurea na ração fornecida aos animais, nos achados de necropsia e na histopatologia. A patogenia e o quadro clínico-patológico observados são discutidos e comparados com outros relatos dessa enfermidade. Resumo em inglês Three outbreaks of dysthermic syndrome (hyperthermia) associated with poisoning by Claviceps purpurea are described in dairy cattle in the State of Rio Grande do Sul, Brazil. During the summer of 1999/2000, 37 cattle out of 66 (56%) were affected up to 3 months after the introduction of a new batch of feed contaminated by this fungus. The main clinical signs included pyrexia, dull, rough and long hair coats, intense salivation, difficult respiration with open mouth and, i (mais) n some cases, with the tongue protruding from the mouth. Affected cattle sought shade or remained within water ponds. There was a 10-30% reduction in feed intake and loss of weight. Reduction in milk yield was 30-50%. Clinical signs were more intense during daytime, and their intensity were directly proportional to the environmental temperature. Necropsy findings in one necropsied cow included mild pulmonary emphysema, mainly in dorsal aspect of the diaphragmatic lobes. Histollogically, there were moderate hypertrophy of the smooth muscle layer of bronchioles, rupture of alveolar septae with resulting club-shaped alveolar stumps. Sclerotia of C. purpurea were found in the ration fed to cattle in the three farms where the outbreaks occurred. Affected cattle recovered approximately 60 days after feeding the contaminated ration was discontinued. Diagnosis was based on epidemiological data, clinical signs, presence of sclerotia of C. purpurea in the feed of affected cattle, necropsy and histopathological findings. The pathogenesis, clinical signs and pathology of dysthermic syndrome are discussed and compared to other reports on this condition.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

69

Sistema de drenagem torácica e uso de antimicrobianos: avaliação bacteriológica após troca do frasco coletor com seu conteúdo com 12 e 24 horas/ Chest drainage system and antimicrobial use: bacteriological evaluation after exchange of the bottle and the solution seal within 12 and 24 hours

Menezes, Fernanda Carrilho de; Rosa, Alessandro de Souza; De Conti, Daniel Oliveira; Santos, Cezar Augusto dos; Diogo Filho, Augusto
2003-12-01

Resumo em português OBJETIVO: Avaliar a contaminação bacteriológica do líquido de drenagem torácica sob sistema fechado, após troca com 12 e 24 horas do frasco coletor e de seu conteúdo, em pacientes sob drenagem torácica, em vigência ou não de antibióticos. MÉTODO: Investigou-se o líquido de 54 drenagens torácicas, sob sistema fechado, de 44 pacientes com trauma torácico fechado ou com pneumotórax espontâneo, divididos em dois grupos, de acordo com o tempo de intervalo na s (mais) ubstituição da solução de soro fisiológico e do frasco coletor. No grupo A (23 pacientes: 28 drenagens) a troca foi realizada a cada 12 horas e no grupo B (21 pacientes: 26 drenagens) com troca a cada 24 horas. Foram empregados os testes de distribuição normal para análise dos dados paramétricos e qui-quadrado para análise dos dados não paramétricos. Excluiu-se os casos de empiemas pleurais e traumas torácicos por arma de fogo ou arma branca. RESULTADOS: Dos 44 pacientes submetidos à drenagem torácica,15 (34,2%) apresentavam hemopneumotórax, 13 (29,5%) pneumotórax isoladamente, seis (13,6%) hemotórax, seis (13,6%) pós-toracotomia, três (6,8%) por derrame pleural e um (2,3%) por enfisema subcutâneo. Não houve diferença significativa quanto ao uso de antibióticos ou ao número de culturas positivas (onze em cada) nos dois grupos, mesmo quando se analisou o número de novos casos positivos diários em cada grupo (p>0,05). CONCLUSÃO: Através deste estudo constatou-se que a substituição do frasco coletor e do líquido drenado neste frasco, pelo soro fisiológico estéril, tanto por intervalo de tempo de 12h quanto 24h, não mostrou diferença nos índices de colonização bacteriana, independente do uso de antimicrobianos. Resumo em inglês BACKGROUND: We evaluated the bacteriological contamination of chest drainage liquid under closed system after exchanging the bottle and the solution seal with 12 and 24 hours, in patients with or without antibiotics. METHODS: The fluid of 54 chest drainage, under closed tube thoracostomy,was investigated in 44 patients with closed chest injury or with spontaneous pneumothorax, divided into two groups, in accordance to the interval to replace the physiological serum soluti (mais) on in the collector bottle. In the group A (23 patients, 28 drainages) the exchange of the bottle and of the solution seal was performed every 12 hours and in the group B (21 patients, 26 drainages) every 24 hours. A normal distribution test for the analysis of parametric data and chi-square test for the analysis of no parametric data were used. Pleural empyema and thoracic trauma by firearms or stab were excluded. RESULTS: From 44 patients subjected to chest drainage, 15 (34,2%) presented hemopneumothorax, 13 (29,5%) isolated pneumothorax, six (13,6%) hemothorax, six (13,6%) post-thoracotomy, three (6,8%) by pleural effusions and 1 (2,3%) subcutaneous emphysema. There wasn't significant difference regarding to antibiotic use and the number of positive cultures (eleven in each case) in the two groups, as well as when it was analyzed the number of new positive cases per day in each group (p>0,05). CONCLUSIONS: The analysis of this study confirmed that the replacement of drainage fluid in collector bottle, by sterile physiological serum, in an interval time of 12 or 24 hours, showed no difference in the bacterium colonization index, independent of antimicrobian use.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

70

A válvula de Heimlich no tratamento do pneumotórax/ Heimlich valve in the treatment of pneumothorax

BEYRUTI, RICARDO; VILLIGER, LETÍCIA ENGBER ODILON; CAMPOS, JOSÉ RIBAS MILANEZ DE; SILVA, RODRIGO AFONSO; FERNANDEZ, ANGELO; JATENE, FÁBIO BISCEGLI
2002-06-01

Resumo em português Objetivos: A válvula de Heimlich foi descrita para substituir os sistemas de drenagem sob selo d'água. O Serviço de Cirurgia Torácica do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo realizou este estudo com o objetivo de avaliar sua eficiência no tratamento do pneumotórax, bem como a facilidade de manipulação, segurança e tolerância pelo paciente. Métodos: Foram analisados 108 pacientes com pneumotórax de diferentes etiologias, (mais) de junho/97 a agosto/2000. A maioria (76%) apresentava pneumotórax classificado radiologicamente como médio ou grande, sendo três deles hipertensivos, dos quais um bilateral. Utilizaram-se para a drenagem da cavidade pleural cateteres plásticos de teflon ou poliuretano tipo pig-tail 10,2F, 14F ou retos 11F conectados à válvula de Heimlich. Nos pacientes pós-toracotomias, a válvula foi conectada diretamente ao dreno torácico. Resultados: O período de permanência da válvula variou de um a 120 dias (mediana de quatro dias). A tolerância ao sistema foi considerada boa por 89% dos pacientes. Não ocorreram complicações atribuíveis ao sistema. A presença de derrame associado em 20 pacientes (18,5%) não impediu o bom funcionamento do sistema. Apenas dois (1,8%) pacientes evoluíram com enfisema subcutâneo progressivo, optando-se então por dreno tubular 36F sob selo d'água. Em um paciente (0,9%) indicou-se toracotomia para descorticação pulmonar. Vinte pacientes (18,5%) foram tratados no ambulatório. Conclusões: A válvula de Heimlich mostrou-se eficiente na resolução do pneumotórax de diferentes etiologias e nas fístulas aéreas pós-operatórias. A manipulação foi mais simples do que as historicamente observadas nos sistemas convencionais. A boa tolerância e segurança referidas pelos pacientes foram fator determinante na precocidade da alta hospitalar e incentivo ao tratamento ambulatorial. Resumo em inglês Objective: Heimlich valve has been described as a substitute for water-sealed drainage systems. The objective of this study by the Thoracic Surgery Service of the "Hospital das Clínicas", University of São Paulo Medical Center, is to assess its effectiveness in the treatment of pneumothorax and its ease of operation, safety, and patient toleration. Methods: From June/97 to August/00, 107 patients with pneumotoraxes of different etiologies were analyzed. The majority (76 (mais) %) were classified radiologically as suffering from moderate or large pneumothorax, three hypertensive pneumothorax, and one was bilateral. The pleural cavity was drained with teflon or polyurethane plastic pig-tail catheters (10.2F, 14F, straight 11F connected to the Heimlich valve or the valve was connected directly to the thoracic drain in post-thoracotomy patients). Results: The valve remained in place for one to 120 days (mean 4 days). Tolerance to the system was good in 89% of cases. There were no serious complication linked to the system. Associated pleural effusion in 20 patients (18.5%) did not prevent the system from functioning well. Only two patients (1.8%) developed subcutaneous emphysema, and therefore, a 36F Tubular drain under water seal was chosen. Thoracotomy for decortication was indicated in one patient (0.9%). Twenty patients (18.5%) were treated on an outpatient basis. Conclusions: The Heimlich valve confirmed its effectiveness in resolving pneumothorax of different etiologies and in postoperative air leaks. Its operation was simpler than that of conventional systems. The good toleration and safety mentioned by the patients was a determining factor in early hospital discharge and a motive for outpatient treatment.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

71

Complicações dos catéteres venosos centrais de longa permanência: análise de 500 implantes consecutivos/ Complications of long-term central venous catheters: analysis of 500 consecutive implants

Moreira, Ricardo César Rocha; Batista, Júlio Cesar; Abrão, Elias
1998-12-01

Resumo em português Neste trabalho, são analisadas retrospectivamente as complicações locais e sistêmicas associadas ao implante e uso de catéteres venosos centrais (CVC) de longa permanência. Num período de oito anos, foram implantados 500 CVC para quimioterapia de doenças malignas ou para suporte em transplantes de medula óssea. Dois tipos de CVC foram usados: 322 CVC totalmente implantáveis (com reservatório subcutâneo) e 178 CVC semi-implantáveis (com segmento externo). Os i (mais) mplantes foram feitos por via percutânea ou por dissecção venosa cirúrgica. As veias de acesso foram: jugular interna, subclávia, cefálica, e safena magna. OS CVC foram usados de três dias a 75 meses (média de 4,8 meses). Foram analisadas as complicações que necessitaram de tratamento, prolongaram a estadia hospitalar ou levaram à retirada do catéter. Complicações menores foram excluídas deste estudo. Os tipos e os números de complicações observadas foram: Anestésicas: broncoespasmo grave (um); enfisema do pescoço por perfuração traqueal (um). Cirúrgicas: deiscência da incisão (duas); hematoma do pescoço (três); infecção aguda no local de implante (duas); lesão temporária do nervo vago (três}; linfocele (uma); fístula do ducto torácico (uma). Venosas: trombose aguda da jugular (três) e da veia subclávia (cinco); síndrome da cava superior (três). Do próprio catéter: bacteremia tardia (39); trombose do catéter (48); erosão da pele sobre o catéter/reservatório(três); torção do reservatório (duas); fratura do catéter (duas). No total, ocorreram 119 complicações, para uma taxa cumulativa de 23,8%. Nenhuma complicação foi fatal. O implante e uso dos CVC de longa permanência estão associados a complicações freqüentes, que podem ser graves. Mas os benefícios trazidos por estes CVC nos pacientes que necessitam de acesso venoso confiável por tempo prolongado são certamente muito maiores do que os riscos das complicações. Resumo em inglês Central venous catheters (CVC) are widely used today in the management of patients with malignant disease. In the present study, local and systemic complications related to implantation and use of long-term central venous access catheters are retrospectively analysed. Over an eight-year period, 500CVC were implanted for chemotherapy of malignant disease and for support in bone marrow transplants. Two types of CVC were used: 322 totally implantable (with subcutaneous ports (mais) ) and 178 semi-implantable (with external segment). The CVC were implanted percutaneously or by surgical dissection. The CVC were used from three days to 74 months (mean of4.8 months). Complications that needed active treatment, prolonged hospital stay or resulted in catheter removal were included in this study. Minor complications were excluded. The types and number of complications observed were: Anesthetic: severe bronchospasm (one); tracheal perfuration causing neck emphysema (one). Surgical: dehiscence of the incision (two); neck hematoma (three); temporary vagus nerve injury (three); lymphocele (one); thoracic duct fistula (one). Venous: acute jugular vein thrombosis (three); subclavian vein thrombosis (five); superior vena cava syndrome (three).Catheter-Related: acute local infection (three); late bacteremia (39); catheter thrombosis (48); skin erosion over the catheter/port (three); torsion of the port (dois); catheter fracture (dois). Overall, 119 complications occurred, fora cumulative rale of 23, 8 %. No one complication was fatal. Implantation and use of long-term CVCs are associated with frequent, sometimes severe complications. However the benefits of long-term CVCs in patients who need reliable venous acess for long periods of time outweight the risks of such complications.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

72

Determinantes da autopercepção de saúde entre idosos do Município de São Paulo, Brasil/ Determinants of self-rated health among elderly persons in São Paulo, Brazil

Alves, Luciana Correia; Rodrigues, Roberto Nascimento
2005-06-01

Resumo em português OBJETIVO: Investigar a influência de determinantes demográficos e socioeconômicos, das doenças crônicas e da capacidade funcional sobre a autopercepção de saúde entre os idosos do Município de São Paulo e verificar a existência de diferenças entre os sexos quanto à autopercepção de saúde. MÉTODOS: O estudo foi desenvolvido com base em dados do Projeto Saúde, Bem-Estar e Envelhecimento na América Latina e Caribe (SABE). Foram analisados os dados de 2 135 (mais) idosos (sendo 58,6% mulheres; idade média e mediana = 69,4 e 68,0 anos). A variável dependente foi a autopercepção de saúde (ruim ou boa). As variáveis independentes foram: as demográficas (idade, sexo, estado conjugal e arranjo familiar), as socioeconômicas (educação e renda), o número de doenças crônicas (hipertensão, artrite ou reumatismo, doença cardiovascular, diabetes, asma, bronquite ou enfisema, embolia ou acidente vascular cerebral e câncer) e a capacidade funcional. Para estimar a associação entre a autopercepção de saúde e as variáveis independentes e estudar as diferenças entre os sexos, foi realizada uma análise de regressão logística binária múltipla. RESULTADOS: A presença de doenças crônicas associada ao sexo do idoso foi o determinante mais fortemente relacionado à autopercepção de saúde no Município de São Paulo. Para os homens, a presença de quatro ou mais doenças crônicas implicou um risco 10,53 vezes maior de uma autopercepção ruim de saúde. Para as mulheres, esse risco foi 8,31 vezes maior. A capacidade funcional, o nível de escolaridade e a renda também foram altamente associados com a percepção de saúde, e a idade teve uma significativa influência. Na ausência de doenças crônicas, ou na presença de duas ou mais doenças crônicas, as mulheres idosas tiveram maior probabilidade de relatar uma boa autopercepção de saúde em comparação com os homens. CONCLUSÕES: Os resultados indicam a necessidade de ações integradas que abordem simultaneamente os principais fatores determinantes da autopercepção de saúde como forma de promover o bem-estar e a qualidade de vida dos idosos. Resumo em inglês OBJECTIVES: To investigate the influence that demographic determinants, socioeconomic determinants, chronic diseases, and functional capacity have on self-rated health among elderly persons (60 years and older) living in the city of São Paulo, São Paulo, Brazil, and to investigate the existence of differences between men and women in terms of their self-rated health. METHODS: The study was carried out using data collected in the city of São Paulo as part of a project c (mais) alled Health, Well-being, and Aging in Latin America and the Caribbean (the "SABE project"). We analyzed data on 2 135 elderly individuals (58.6% women; mean age, 69.4 years; median age, 68.0 years). The dependent variable was self-rated health (good or poor). The following independent variables were considered: (1) demographic ones (age, sex, marital status, and living arrangements (whether the elderly person lived alone or with others)), (2) socioeconomic ones (schooling and income), (3) the number of chronic diseases (hypertension, arthritis or rheumatism, cardiovascular disease, diabetes, asthma, bronchitis or emphysema, embolism or stroke, and cancer), and (4) functional capacity. To estimate the association between self-rated health and the independent variables and to study gender differences, a multiple binary logistic regression analysis was performed. RESULTS: The presence of chronic diseases in association with gender was the strongest determinant of self-rated health among the elderly in São Paulo. Among men with four or more chronic diseases, they were 10.53 times as likely to characterize their health as poor; among women with four or more chronic diseases, the ratio was 8.31. Functional capacity, schooling, and income were also strongly associated with self-rated health, and the influence of age was significant. The elderly women were more likely to report good self-rated health than were men when the women or men either had no chronic diseases or had two or more. CONCLUSIONS: Our results indicate the need for simultaneous, comprehensive actions in the health sector, social services, and the economic sector to address the main determinants of self-rated health in order to promote well-being and quality of life among the elderly.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

73

Revascularização do miocárdio por técnica minimamente invasiva: o que aprendemos após 3 anos com seu emprego/ Minimally invasive coronary artery bypass graft: a three-year experience

JATENE, Fabio B.; PÊGO-FERNANDES, Paulo M.; HUEB, Alexandre C.; OLIVEIRA, Patrícia Marques de; HERVOSO, Cristina Marfinatti; DALLAN, Luís Alberto O.; STOLF, Noedir A. G.; OLIVEIRA, Sérgio Almeida de; JATENE, Adib D.
1999-01-01

Resumo em português Objetivo: Com as avanços no tratamento das lesões obstrutivas das artérias coronárias pela hemodinâmica, torna-se atraente a revascularização do miocárdio pelas técnicas minimamente invasivas. O objetivo deste trabalho é o relato de nossa experiência após 3 anos com o uso desta técnica, analisando-se a utilização de estabilizador mecânico de suturas, as vias de acesso e os resultados obtidos. Casuística e Métodos: Foram operados 120 pacientes, sendo (mais) 86 do sexo masculino, com idades variando de 30 a 83 anos (média de 61,2 anos). Todos eram portadores de lesões coronarianas obstrutivas acima de 80%. Os uniarteriais eram portadores de lesões, de 79,2% no ramo interventricular anterior (RIA), 1,6% dos ramos diagonais (Dg) e 0,8% da artéria coronária direita (CD). Os biarteriais apresentavam lesões de 17,6% RIA e Dg e 0,8% RIA e Marginal esquerda da artéria circunflexa (MgE). Foram utilizadas duas vias de acesso: para lesões isoladas do RIA foi utilizada preferencialmente a minitoracotomia anterior de 8 cm no quarto espaço intercostal esquerdo. Para lesões associadas RIA/Dg foi utilizada incisão longitudinal mediana limitada de 10 a 12 cm, com secção total do esterno e afastamento de 5 a 6 cm de suas bordas. Não foi utilizada circulação extracorpórea e não houve manipulação ou abordagem da aorta. Foram usados betabloqueadores e vasodilatadores endovenosos e, para realização das anastomoses, torniquetes proximais em todos os casos, além do CO2 para manter o campo operatório livre de sangue. Nos últimos 82 pacientes utilizou-se o estabilizador mecânico de sutura para redução regional dos batimentos cardíacos. Em 22 (18,4%) pacientes a ATIE foi alongada com segmento de veia safena, artéria radial ou epigástrica. Na revascularização para RIA e Dg foi utilizado "Y" artificial a partir da ATIE com enxerto venoso ou arterial. Estudo cinecoronariográfico foi realizado entre o 1º e 3º dias de pós-operatório em 84 (70%) pacientes que foram analisados, baseados nos seguintes achados, de acordo com a condição da anastomose: Grau A - sem obstruções; Grau B - obstrução > que 50%; Grau C - oclusão. Esta avaliação foi feita em 2 períodos distintos: no 1º período, sem o uso do estabilizador de sutura e no 2º período, com o uso do estabilizador. Resultados: A cinecoronariografia revelou a seguinte condição das anastomoses: no primeiro período (38 anastomoses), Grau A - 79%, Grau B - 5,2% e Grau C - 15,8%. No segundo período (62 anastomoses), Grau A - 90,4%, Grau B - 6,4% e Grau C - 3,2%. Os drenos torácicos ou mediastinais foram retirados em média com 22,4h. Tivemos 8,0% de reoperações, sendo 4,8% relacionadas à anastomose, 4,0% imediatas e 0,8% tardias e, 3,2% não relacionadas à anastomose, 2,4% imediatas e 0,8% tardias. Em 99,2% dos casos não houve complicações isquêmicas no pós-operatório imediato e 118 (98,4%) receberam alta hospitalar. Desses pacientes, 115 (95,8%) receberam alta entre 2 e 9 dias, com média de 4,6 ± 1,8 dias e 3 (2,4%) pacientes tiveram internação prolongada por processo infeccioso pulmonar. A morbidade total foi de 14,2%, sendo infecção da ferida 4,0%; atelectasia pulmonar 3,2%; enfisema subcutâneo 3,2%; sangramento 2,4% e broncopneumonia 2,4%. A mortalidade imediata foi de 1,6%. Conclusão: A cirurgia de revascularização por técnica minimamente invasiva vem mostrando ser uma alternativa para determinado grupo de pacientes. Apresenta melhor estética e recuperação pós-operatória mais rápida. Os resultados em relação à anastomose são superiores quando utilizado o estabilizador mecânico de sutura. Resumo em inglês Purpose: With the improvements in the hemodynamic treatment of coronary artery lesions, myocardial revascularization using minimally invasive technique is a compelling option. The objective of this study is to report our three-year experience with this technique, evaluating the use of a suture mechanical stabilizer, the access routes and the results obtained. Material and Methods: One hundred and twenty patients were operated on, 86 were male, with ages ranging from 3 (mais) 0 to 83 years, mean 61.2 years. All of them had obstructive coronary lesions greater than 80%. Of those with single artery lesions, 79.2% anterior interventricular branch (AIB) lesions, 1.6% had diagonal branch (Dg) lesions and 0.8% right coronary artery (RCA) lesions. Those with associated artery lesions had 17.6% of AIB and Dg lesions and 0.8% of AIB and left marginal circumflex artery (LMg) lesions. Two access routes were used: for single AIB lesions an 8 cm anterior minimal thoracotomy was performed in the fourth left intercostal space. For associated AIB/Dg lesions a 10 to 12 cm median longitudinal incision was used, with total section of the sternum and removal of 5 to 6 cm of the borders. Intravenous beta-blockers and vasodilators were used, and for anastomoses, proximal tourniquets were used in all of the cases, in addition to CO2 to maintain the surgery field bloodless. In the last 82 patients a suture mechanical stabilizer was used for the regional reduction of heart beats. In 22 (18.4%) patients, the left internal mammary artery (LIMA) was elongated using a saphenous vein segment, radial or epigastric arteries. For AIB and Dg revascularization an artificial Y was used from the LIMA with venous or arterial graft. A coronary cineangiography was carried out between postoperative days 1 and 3 in 84 (70%) patients, who were evaluated based on the following findings, according to their anastomosis status: Grade A - no obstruction; Grade B - obstruction > 50%; Grade C - occlusion. This evaluation was performed in 2 different periods: in the first period, without a suture stabilizer and in the second period with a stabilizer. Results: Coronary cineangiography showed the following anastomosis status: in the first period (38 anastomosis), Grade A - 79%, Grade B - 5.2% and Grade C - 15.8%. In the second period (62 anastomosis), Grade A - 90.4%, Grade B - 6.4% and Grade C - 3.2%. The thoracic or mediastinal drains were removed in up to 33.1 h, mean 22.4 hs. There were 6.4% of reoperations, of which 3.2% were related to anastomosis, 2.4% of early and 0.8% reoperations and 3.2 were not related to anastomosis, 2.4% early and 0.8% late reoperations. In 99.2% of the cases there were no ischemic complications in the early postoperative and 118 (98.4%) were discharged. Of these patients, 115 (95.8%) were discharged after 2 to 9 days, mean 4.6 ± 1.8 days and 3 (2.4%) patients had prolonged hospitalization periods due to pulmonary infection. Overall morbidity was 14.2% of which 4.0% was wound infection; 3.2% pulmonary atelectasia; 3.2% subcutaneous emphysema; 2.4% bleeding and 2.4% bronchopneumonia. Conclusions: Minimally invasive coronary artery bypass graft has shown to be a good alternative for some groups of patients. It showed better esthetics and faster postoperative recovery. The anastomosis results were better when a suture mechanical stabilizer was used.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

74

Tratamento operatório de 60 pacientes com malformações pulmonares: o que aprendemos?/ Surgical treatment of 60 patients with pulmonary malformations: what have we learned?

Costa Júnior, Altair da Silva; Perfeito, João Aléssio Juliano; Forte, Vicente
2008-09-01

Resumo em português OBJETIVO: Analisar retrospectivamente os prontuários de pacientes com malformações pulmonares submetidos a tratamento operatório e verificar a evolução clínica até o diagnóstico definitivo. MÉTODOS:Analisamos os prontuários dos pacientes com malformações pulmonares operados no Hospital São Paulo-Universidade Federal de São Paulo/Escola Paulista de Medicina-de 1969 a 2004. Cada prontuário foi analisado quanto aos seguintes aspectos: quadro clínico, diagnó (mais) stico, tratamento prévio, tratamento operatório e complicações hospitalares. Os critérios de inclusão foram os seguintes: ter diagnóstico de malformação pulmonar, ter sido submetido à ressecção pulmonar e ter prontuário com dados completos. RESULTADOS: A análise dos prontuários revelou que 60 pacientes com diagnóstico de malformações pulmonares foram operados-27 casos de cisto broncogênico, 14 de ensifema lobar congênito, 10 de seqüestro pulmonar e 9 de malformação adenomatóide cística. A idade variou de 4 dias a 62 anos (média de 17,9 anos). Houve predominância do sexo masculino (55%). Noventa e dois por cento dos pacientes apresentavam sintomas (média de duração, 15,37 meses). Dos 60 pacientes operados, 27 (45%) receberam tratamento domiciliar ou hospitalar com antibiótico antes da operação. Quanto às complicações, observamos morbidade de 23% e mortalidade de 3,3%. A duração dos procedimentos operatórios realizados em nossos pacientes variou de 1 a 8 h (média, 3,2 h). CONCLUSÕES: A falha ou atraso no diagnóstico das malformações pulmonares resultou em tratamentos e hospitalizações desnecessárias e em complicações infecciosas recorrentes e freqüentes. Acreditamos que o tratamento definitivo é a operação, a qual é curativa e tem baixa morbidade e mortalidade. Resumo em inglês OBJECTIVE: To retrospectively analyze the medical charts of patients with pulmonary malformations submitted to surgical treatment and to investigate the clinical evolution prior to the definitive diagnosis. METHODS: We analyzed the medical charts of patients with pulmonary malformations operated on at the São Paulo Hospital-Federal University of São Paulo/Paulista School of Medicine-from 1969 to 2004. Each medical chart was analyzed as to the following aspects: clinical (mais) profile; diagnosis; previous treatment; surgical treatment; and nosocomial complications. The inclusion criteria were having received a diagnosis of pulmonary malformation, having undergone pulmonary resection, and chart data being complete. RESULTS: The analysis of the medical charts revealed that 60 patients diagnosed with pulmonary malformations-27 cases of bronchogenic cyst, 14 cases of congenital lobar emphysema, 10 cases of pulmonary sequestration, and 9 cases of cystic adenomatoid malformation-underwent surgery. Ages ranged from 4 days to 62 years (mean, 17.9 years). There was a predominance of males (55%). Ninety-two percent of the patients presented symptoms (mean duration: 15.37 months). Of the 60 patients undergoing surgery, 27 (45%) received preoperative home or hospital treatment with antibiotics. Regarding complications, we observed that morbidity was 23%, and mortality was 3.3%. Surgical times ranged from 1 to 8 h (mean, 3.2 h). CONCLUSIONS: Misdiagnosis or delayed diagnosis of pulmonary malformations resulted in unnecessary treatments and hospitalizations, as well as in frequent, recurrent infectious complications. We believe that the definitive treatment is surgery, which is curative and has low morbidity and mortality rates.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

75

Toracoscopia em crianças com derrame pleural parapneumônico complicado na fase fibrinopurulenta: estudo multi-institucional/ Thoracoscopy in children with complicated parapneumonic pleural effusion at the fibrinopurulent stage: a multi-institutional study

Freitas, Sérgio; Fraga, José Carlos; Canani, Fernanda
2009-07-01

Resumo em português OBJETIVO: Determinar a eficácia da toracoscopia em crianças com derrame pleural parapneumônico complicado (DPPC) na fase fibrinopurulenta. MÉTODOS: Estudo retrospectivo de 99 crianças submetidas à toracoscopia para tratamento de DPPC na fase fibrinopurulenta entre novembro de 1995 e julho de 2005. A média de idade foi de 2,6 anos (variação, 0,4-12 anos) e 60% eram do sexo masculino. A toracoscopia foi realizada em três hospitais diferentes utilizando-se o mesmo (mais) algoritmo de tratamento. RESULTADOS: A toracoscopia foi eficaz em 87 crianças (88%) e 12 (12%) necessitaram de outro procedimento cirúrgico: nova toracoscopia (n = 6) ou toracotomia/pleurostomia (n = 6). O tempo médio de drenagem torácica foi de 3 dias nas crianças em que a toracoscopia foi efetiva e de 10 dias naquelas que precisaram de outro procedimento (p Resumo em inglês OBJECTIVE:To determine the efficacy of thoracoscopy in the management of children with complicated parapneumonic pleural effusion at the fibrinopurulent stage. METHODS: Retrospective study of 99 children submitted to thoracoscopy for the treatment of complicated parapneumonic pleural effusion at the fibrinopurulent stage between November of 1995 and July of 2005. The mean age was 2.6 years (range, 0.4-12 years), and 60% were males. Thoracoscopy was performed at three diff (mais) erent hospitals following the same treatment algorithm. RESULTS: Thoracoscopy was effective for 87 children (88%). In 12 (12%), a second surgical procedure was required: another thoracoscopy (n = 6) or thoracotomy/thoracostomy (n = 6). Mean duration of chest tube drainage following successful thoracoscopy was 3 days vs. 10 days in patients submitted to a second procedure (p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

76

Fatores de risco e medidas profiláticas nas pneumonias adquiridas na comunidade/ Risk factors and prophylaxis of community-acquired pneumonias

GOMES, LUCY
2001-03-01

Resumo em português Este artigo revisa os efeitos do envelhecimento, tabagismo, DPOC, insuficiência cardíaca, colonização da orofaringe, aspiração (micro e macro), alcoolismo, cirrose hepática, deficiência nutricional, imunossupressão e fatores ambientais sobre o risco de adquirir pneumonia na comunidade e sua gravidade. Na segunda parte, é feita revisão sobre a ação profilática das vacinas antiinfluenza e antipneumococo, assim como a ação das drogas antivirais, na profilaxia e tratamento das pneumonias adquiridas na comunidade. Resumo em inglês This article reviews the effects of aging, tobacco-smoking, chronic bronchitis and emphysema, heart failure, oropharyngeal colonization, aspiration (micro and macro), alcoholism, hepatic cirrhosis, nutritional deficiency, immunosuppression, and environmental factors on the risk of community-acquired pneumonia and its severity. In the second part, the authors review the prophylactic action of anti-influenza and anti-pneumococcus vaccines as well as the role of prevention and treatment of antiviral agents in community-acquired pneumonia.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

77

Cardiomiectomia com fundoplicatura parcial videolaparoscópica no tratamento do megaesôfago não avançado: estudo de 50 casos/ Laparoscopic cardiomyectomy with partial fundoplication in the treatment of achalasia: analysis of 50 cases

Domene, Carlos Eduardo; Santo, Marco Aurélio; Onari, Pedro; Volpe, Paula; Pinotti, Henrique Walter
1998-08-01

Resumo em português Foram estudados prospectivamente cinqüenta pacientes com megaesôfago não avançado tratados por cardiomiectomia com fundoplicatura parcial por via laparoscópica, avaliados sob o ponto de vista clínico e funcional. Houve 12% de complicações intra-operatórias, duas complicações pós-operatórias imediatas e um óbito. Não houve conversões ou complicações tardias. Os resultados ótimos e bons somaram 97,9% dos casos. Houve tendência à diminuição radiológic (mais) a do calibre do esôfago e desaparecimento da esofagite à endoscopia. A eletromanometria mostrou diminuição significativa da pressão média do esfíncter inferior do esôfago após a operação; a pHmetria de 24 horas constatou diminuição da estase esofágica e ausência de refluxo gastro-esofágico no pós-operatório. Não houve diferença entre os resultados do tratamento de pacientes com megaesôfago chagásico e não chagásico. Os pacientes tiveram o benefício da cirurgia laparoscópica de menor dor, rápida realimentação, alta precoce e breve retorno às atividades habituais. Resumo em inglês This is a prospective study of 50 patients with non-advanced achalasia treated by videolaparoscopic cardiomyectomy with partial fundoplication. The technical standardization of the operative procedure was evaluated, and the patients studied by clinical evaluation, endoscopy, eletromanometry, radiology and 24 hour pHmetry. The operation was completed laparoscopically in all patients, with no convertion to laparotomy. There were six (12%) intra-operative complications (muco (mais) sal perforation, pleural lesion and subcutaneous emphysema), two (4%) immediate post-operative ocurrencies and one (2%) death. There was no late complication. Clinical evaluation showed significant improvement of dysphagia, no regurgitation and weight gain after operation, and excellent and good results were obtained in 97.9% of the patients. In the post-operative period ocurred radiological improvement of esophageal dilatation and less endoscopic esophagitis. The eletromanometry showed significative decrease of lower esophageal sphincter pressure after operation, as well as 24 hour pHmetry verified less esophageal stasis and no gastro-esophageal refluxo There was no difference in the treatment of chagasic or non-chagasic patients. The benefits of laparoscopic surgery were obtained: less pain, early oral intake, short hospitalization and fast return to norma activities.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)