Sample records for embryonic development
from WorldWideScience.org

Sample records 1 - 20 shown. Select sample records:



1

Desenvolvimento embrionário em ratas tratadas com tacrolimus durante a fase de pré-implantação/ Embryo development in rats treated with tacrolimus during the preimplantation phase

Ramos, Alessanda Fernandez Louzada Hoegmann; Rodrigues, Jhennifer Kliemchen; Silva, Lorena Ribeiro da; Guerra, Martha de Oliveira; Peters, Vera Maria
2008-05-01

Resumo em português OBJETIVO: avaliar a toxicidade do tacrolimus sobre o desenvolvimento embrionário em ratas tratadas durante o período de trânsito tubário. MÉTODOS: sessenta ratas Wistar foram distribuídas em quatro grupos (15 animais cada), que receberam diferentes doses de tacrolimus por via intragástrica: (T1) 1,0 mg/kg/dia, (T2) 2,0 mg/kg/dia e (T3) 4,0 mg/kg/dia. O grupo controle (C) recebeu água destilada. As ratas foram observadas diariamente para detectar sinais clínicos d (mais) e toxicidade. O tratamento foi realizado do primeiro ao quinto dia de gestação. As seguintes variáveis maternas foram analisadas: peso corporal, de ovários, fígados e rins, consumo de alimento, número de corpos lúteos, implantes, fetos vivos e mortos e índice de implantação. Os fetos e placentas foram pesados e os primeiros foram observados para detectar malformações externas. Estatística: análise de variância (ANOVA), uma via, seguida de teste de Dunnett (alfa=0,05). RESULTADOS: não ocorreram indícios clínicos de toxicidade materna, tais como perda de peso, redução do consumo de alimento ou do peso de órgãos (p>0,05). Também não houve diferença significativa no peso corporal dos fetos (C: 1,8±0,6; T1: 2,2±0,5; T2: 1,9±0,5 e T3: 2,0±0,5 g) e de placentas (C: 1,6±0,4; T1: 1,5±0,4; T2: 1,8±0,4 e T3: 1,6±0,4 g), com p>0,05. Nenhuma malformação externa foi detectada. CONCLUSÕES: a administração de tacrolimus a ratas prenhes durante o período de trânsito tubário não parece ter qualquer efeito tóxico e materno ou embrionário. Resumo em inglês PURPOSE: to evaluate the toxicity of tacrolimus on embryonic development in rats treated during the tubal transit period. METHODS: sixty Wistar rats were distributed into four groups (15 animals each), which received different doses of tacrolimus through intragastric administration: (T1) 1.0 mg/kg/day, (T2) 2.0 mg/kg/day and (T3) 4.0 mg/kg/day. The control group (C) received distilled water. The rats were observed daily to detect clinical signs of toxicity. The treatments (mais) were performed from the first to the fifth day of pregnancy. The following maternal variables were analyzed: body, ovary, liver, and kidney weights, food intake, number of corpora lutea, implants, alive and dead fetuses, and implantation rates. The fetuses and placentae were weighed and the former were observed in order to detect external malformation. Statistical analysis was performed by one way: analysis of variance (ANOVA), folowed by the Dunnet test (alpha=0.05). RESULTS: there were no signs of maternal toxicity, such as body weight loss, decrease in food intake or in organ weights (p>0.05). There was also no significant difference among weights of fetuses (C: 1.8±0.6; T1: 2.2±0.5; T2: 1.9±0.5 and T3: 2.0±0.5 g) and placentae (C: 1,6±0.4; T1: 1.5±0.4; T2: 1.8±0.4 e T3: 1.6±0.4 g), with p>0.05; no external malformation was detected in the fetuses. CONCLUSIONS: the administration of tacrolimus to pregnant rats during the tubal transit period does not seem to generate any toxic effect to mother or embryo.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

2

Desenvolvimento embrionário em ratas tratadas com Hypericum perforatum durante o período de implantação/ Embryo development in rats treated with Hypericum perforatum during the implantation period

Nepomuceno, F.; Las Casas, L.; Peters, V.M.; Guerra, M.O.
2005-09-01

Resumo em português O hipérico (Hypericum perforatum) é utilizado no tratamento alternativo da depressão, enfermidade que tem atingido mulheres, tanto no pós-parto quanto durante a gestação. Existem poucas informações sobre estudos experimentais quanto à toxicidade reprodutiva do hipérico. O presente trabalho tem por objetivo avaliar seu potencial embriotóxico. Ratas Wistar prenhes foram tratadas com 36 ou 360 mg/kg de extrato seco de Jarsin, por gavagem nos dias 5 e 7 pós-insemi (mais) nação. Animais do grupo controle receberam 0,5 mL de água destilada pela mesma via e dias. Após eutanásia no 15(0) dia, as seguintes variáveis foram analisadas: peso corporal materno e fetal, consumo de ração, sinais clínicos de toxicidade, peso de ovários e placentas, número de corpos lúteos, de reabsorções, de fetos vivos e de fetos mortos e proporção de implantação e de reabsorção. Não foram observadas diferenças significativas em nenhuma dessas variáveis, levando a concluir que no modelo experimental utilizado, o Hypericum perforatum não parece apresentar toxicidade para a mãe, não interfere na implantação do blastocisto e nem parece ser tóxico para o embrião. Resumo em inglês Hypericum perforatum is used as an alternative treatment of depression, which is a disease that has been affecting women during post-partum or gestation. There is little information in experimental studies regarding the reproductive toxicity of hiperic. The present paper aims at assessing Hypericum perforatum's embryotoxic potential. Pregnant Wistar rats were treated with 36 or 360 mg/kg body weight of Jarsin dried extract, via oral gavage on days 5 and 7 post-inseminatio (mais) n. Animals from the control group received 0.5 mL of distilled water through the same via and days. The animals were killed on the 15th day and the following variables were analyzed: maternal and fetal body weight, food intake, clinical signs of toxicity, weight of ovaries and placenta, number of corpora lutea, resorptions, live and dead fetuses, and the proportion of implantation and resorption. No significant differences were observed in any of these variables, leading to the conclusion that in the experimental model used, Hypericum perforatum does not seem to be toxic to the mother, does not interfere with blastocyst implantation nor does it seem to be toxic to the embryo.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

3

Desenvolvimento embrionário de oócitos bovinos mantidos em fluido folicular bovino de folículos de diferentes diâmetros/ Embryo development of bovine oocytes held in follicular fluid from bovine follicles of different diameters

Rauber, Lucio Pereira; Alves, Denis Faustino; Figueiró, Giuliano Moraes; Brum, Daniela dos Santos; Hilgert, Tiago Fernando; Bernardi, Mari Lourdes; Silva, Carlos Antônio Mondino; Rubin, Mara Iolanda Batistella
2003-01-01

Resumo em português Oócitos bovinos têm sido mantidos em fluido folicular como meio para transporte e para aumento de sua competência, antes da maturação. Oitocentos e oitenta e um (881) oócitos foram aspirados de folículos de 2 a 8mm, de ovários de abatedouro, para avaliar o efeito da manutenção de oócitos bovinos em fluido folicular bovino de folículos de diferentes tamanhos sobre o desenvolvimento embrionário. Os oócitos foram distribuídos aleatoriamente em quatro tratament (mais) os, com sete repetições cada. No grupo controle (n=217), os oócitos foram maturados por 24h em TCM-199 com Soro de Égua em Estro (SEE), piruvato e rFSH-h, em estufa a 39°C, com 5,00% de CO2 e umidade saturada. No tratamento FFpequeno (n=216), os oócitos foram mantidos por 6h em fluido folicular de folículos de 3 a 5mm a 30°C e posteriormente maturados por 18h nas mesmas condições do grupo controle. Os oócitos dos tratamentos FFmédio (n=226) e FFgrande (n=222) foram mantidos em fluido folicular de folículos com 5,1 a 8mm e folículos maiores de 8,1mm, respectivamente e, após, maturados por 18h. Após a fecundação por 18h, os zigotos foram cultivados por 8 dias em SOFaaci com 5,00% de SEE, em estufa a 39°C, em bolsas gaseificadas com 5,00%CO2, 5,00%O2 e 90,00%N2. Oócitos do grupo FFpequeno resultaram em menor (P0,05) entre os grupos. O fluido folicular de folículos médios e grandes pode ser utilizado para o manutenção de oócitos bovinos por 6h a 30°C, antes da maturação por 18h. Resumo em inglês Bovine oocytes have been maintained in the follicular fluid to be transported and to increase their competence, before maturation. Eight hundred eighty-one (881) oocytes, aspirated from bovine slaughterhouse ovaries, were used to evaluate the effect of holding bovine oocytes in follicular fluid (FF) of bovine follicles of different diameters on the rate of embryo development. The oocytes were randomly distributed in four treatments with seven replicates each: The control (mais) group (n=217) was constituted by oocytes matured for 24h in modified TCM-199 with Estrus Mare Serum (EMS), pyruvate and rFSH-h in incubator with 5,00% CO2, 39°C and saturated humidity. In the FFsmall group (3 to 5mm follicles; n=216), the oocytes were held for 6h in follicular fluid at 30°C and matured for 18h in the same conditions of the Control-group. The oocytes of the FFmedium group (5,1-8mm follicles; n=226) and of the FFlarge group (>8,1mm follicles; n=222) were held in follicular fluid and matured like FFsmall. Fertilization was accomplished during 18h and, after this, the zygotes were cultured for 8 days in SOFaaci medium + 5,00% EMS in incubator at 39°C using plastic bags gasified with 5,00%CO2, 5,00%O2 and 90,00%N2. FFsmall oocytes produced a lower (P0,05) between the groups. Follicular fluid of medium and large follicles could be used to hold for 6h at 30°C bovine oocytes before their maturation for 18h.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

4

Desenvolvimento embrionário e eclodibilidade de ovos de codornas armazenados por diferentes períodos e incubados em umidades e temperaturas distintas/ Embrionary development and hatchability of quail eggs stored for different periods and incubated at different humidity and temperatures levels

Pedroso, Adriana Ayres; Café, Marcos Barcellos; Leandro, Nadja Susana Mogyca; Stringhini, José Henrique; Chaves, Leandro Silva
2006-12-01

Resumo em português Objetivou-se avaliar parâmetros relativos à incubação de ovos férteis de codornas japonesas. Os ovos foram armazenados por três períodos (0, 72 e 144 horas) e incubados em duas umidades relativas (55 e 65%) e duas temperaturas (36,5 e 37,5°C). Utilizou-se o delineamento inteiramente casualizado, em esquema fatorial 3 x 2 x 2 (período de armazenamento x umidade x temperatura). As avaliações foram feitas às 276, 324, 362 e 420 horas de incubação e no moment (mais) o da eclosão. Não houve interação significativa entre as variáveis estudadas. Inicialmente, a velocidade de desenvolvimento embrionário foi influenciada pelo período de armazenamento e pela temperatura da incubadora, mas, à medida que o processo incubatório avançou, o desenvolvimento embrionário se tornou similar entre os grupos experimentais. A mortalidade embrionária foi maior, especialmente na fase precoce, nos ovos armazenados por 144 horas e naqueles incubados a 65% de umidade relativa, após a bicagem da casca pela ave. O tempo necessário para a eclosão dos ovos foi menor quando incubados a 37,7°C com 65% de umidade relativa e armazenados por períodos superiores a 72 horas. A eclodibilidade foi maior em ovos armazenados por até 72 horas. Ovos de codornas devem ser armazenados por períodos de até 72 horas e a incubação deve ser feita a 37,5°C e a 55 ou 65% de umidade relativa. Resumo em inglês This study was carried out to evaluate the parameters related to hatchability of fertile eggs of Japanese quails. The eggs were stored for three periods (0, 72, and 144 hours), and incubated at two humidity (55 and 65%) and two temperatures (36.5 and 37.5°C) levels. A complete randomized design with a 3 x 2 x 2 (storage period x humidity x temperature) factorial arrangement was used. Evaluations were performed at 276, 324, 362, and 420 hours of incubation and at hatch (mais) moment. There was no significant interaction among the studied variables. Initially, the speed of embryo development was affected by storage period and hatchery temperature, but as incubation period advanced the development was similar in all experimental groups. The embryo mortality, especially in the early phase, was higher in eggs stored for 144 hours and in eggs incubated at 65% of relative humidity, after shell breaking. The eclosion was faster in eggs incubated at 37.5°C, 65% of relative humidity and stored more than 72 hours. The hatchability was higher in the eggs stored until 72 hours. Quail eggs must be incubated at 37.5°C and 55 or 65% of relative humidity and stored until 72 hours.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

5

Estádios de desenvolvimento embrionário e localização do embrião zigótico em sementes de citros/ Embryo development stage and the location of embryo zygotic in the seed of citrine

Ribeiro, Valtemir Gonçalves; Pasqual, Moacir; Ramos, José Darlan; Bearzoti, Eduardo; D'Angelo Neto, Santos
1999-08-01

Resumo em português Objetivou-se estudar o comportamento de embriões zigóticos e nucelares aos 120, 130, 140 e 150 dias após serem efetuadas hibridações controladas entre a laranjeira 'Natal' (Citrus sinensis Osb.) e o parental masculino Poncirus trifoliata (L.) Raf. Em cada data, as sementes foram removidas, e os embriões excisados foram caracterizados em estádios de desenvolvimento (globular, cordiforme, torpedo e cotiledonar); coloração (clorofilado ou não); e localização na s (mais) emente (próximo à micrópila ou mais interiormente). A partir dessas características, foram construídas tabelas de contingência para testar hipóteses de independência entre elas, mediante o teste exato de Fisher e chi² (qui-quadrado). Relações de dependência foram verificadas entre as características: estádios de desenvolvimento embrionário com a localização na semente; estádios de desenvolvimento embrionário com a natureza da plântula (zigótica ou nucelar); e entre natureza da plântula com a localização do embrião na semente. Verificou-se que os embriões zigóticos excisados de frutos com 130 a 150 dias da hibridação controlada, localizam-se, em grande maioria, próximos à região micropilar da semente, em estádio globular e cordiforme de desenvolvimento. Resumo em inglês Controlled hybridizations between 'Natal' orange variety (Citrus sinensis Osb.) and male parent Poncirus trifoliata (L.) Raf. were performed in order to study zygotic and nucellar embryos behaviour at 120, 130, 140 and 150 days. At very date the seeds were removed and the embryos excised to characterize: development stage (globular, cordiform, torpedo and cotyledonal); colour (with or without chlorophyll); and location in the seed (close to the micropyle or more internal (mais) in the seed). From these characteristics contingency tables were evaluated to test independency hypothesis through Fisher test and chi² (chi-square). Dependence relationships were observed between the following characteristics: stages of the embryo development with location in the seed; stages of the embryo development with the seedling nature (zygotic or nucellar); between the plant nature with embryo location in the seed. It was observed that the most of the zygotic embryos at globular and cordiform stages were located close to the micropyle in the seed, behaviour at 130 to 150 days after pollination.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

6

Estádios de desenvolvimento embrionário de vacas zebuínas superovuladas/ Superovulated zebu cows embryonic developmental stages

Fonseca, J.F.; Silva Filho, J.M.; Pinto Neto, A.; Palhares, M.S.
2001-12-01

Resumo em português O objetivo deste estudo foi relatar o estádio de desenvolvimento de embriões coletados a partir de processos superovulatórios em zebuínos. Foram utilizadas 26 vacas, 16 da raça Nelore Padrão, três da Nelore Mocho, quatro da Gir, duas da Brahman e uma da raça Guzerá. Para o processo de superovulação utilizaram-se 350 UI de FSH em oito doses decrescentes a cada 12 horas, a partir do 10ºdia do ciclo estral (estro = dia 0). Ao sétimo dia após o estro os embriõe (mais) s foram coletados pelo método não cirúrgico e avaliados ao microscópio estereoscópio quanto à qualidade e estádio de desenvolvimento embrionário. Foram coletados 135 embriões viáveis, sendo 68,2% (92/135) Nelore Padrão, 12,6% (17/135) Nelore Mocho, 11,1% (15/135) Gir, 5,2% (7/135) Brahman e 3,0% (4/135) Guzerá. Os embriões foram classificados segundo a qualidade em grau I, 51,1% (69/135), grau II, 43,7% (59/135), grau III, 4,4% (6/135), e grau IV, 0,7% (1/135), e segundo o estádio de desenvolvimento em mórula, 3,7% (5/135), blastocisto inicial, 16,3% (22/135), blastocisto, 37,0% (50/135), blastocisto expandido, 42,2% (57/135), e blastocisto eclodido, 0,7% (1/135). Observou-se predominância de estádios embrionários avançados (blastocisto, blastocisto expandido e blastocisto eclodido) que representaram 80% do total de embriões. Resumo em inglês This study was carried out with the objective of reporting the developing stages of embryos collected from superovulated zebu cows. Twenty-six zebu cows of Nelore (16), Polled Nelore (3), Gir (4), Brahman (2) and Guzerá (1) breeds were superovulated with 350IU of FSH, divided into eight decreasing doses administered each 12 hours, starting on day 10 of the estrous cycle (estrous = day 0). Seven-day embryos were collected non-surgically and evaluated at microscopy to dete (mais) rmine the grade and stage of development. A total of 135 viable embryos were collected, being 68.2% (92/135) Nelore, 12.6% (17/135) Pooled Nelore, 11.1% (15/135) Gir, 5.2% (7/135) Brahman and 3.0% (4/135) Guzerá. Embryos were classified according to quality as grade I, 51.1% (69/135), grade-II, 43.7% (59/135), grade-III, 4.4% (6/135), and grade-IV, 0.7% (1/135), and according to developmental stage in morulae, 3.7% (5/135), young blastocyst, 16.3% (22/135), blastocyst, 37.0% (50/135), expanded blastocyst, 42.2% (57/135), and hatched blastocyst, 0.7% (1/135). These results showed the predominance of advanced developing stages (blastocyst, expanded blastocyst and hatched blastocyst) witch represented 80% of the total of embryos.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

7

Características do desenvolvimento embrionário de Gallus gallus domesticus, em temperaturas e períodos diferentes de incubação/ Features of the embryonic development of Gallus gallus domesticus in different temperatures and times of incubation

DIAS, Paulo Fernando; MÜLLER, Yara Maria Rauh
1998-01-01

Resumo em português Objetivando avaliar o desenvolvimento embrionário de Gallus gallus domesticus, foram incubados ovos nas temperaturas de 34,0ºC, 37,5ºC e 40,0ºC, nos períodos de 48, 72 e 96 horas. Avaliaram-se em 81 embriões o comprimento cefalocaudal, o peso total e 6 características morfológicas, utilizando-se um protocolo referindo o desenvolvimento como padrão, acelerado ou defasado. Os dados relativos ao nível de diferenciação das estruturas embrionárias demonstram que os fatores temperatura e tempo de incubação interagem nos processos de morfogênese. Resumo em inglês With the aim to evaluate the embryonic development of Gallus gallus domesticus, hatching eggs were incubated at temperatures of 34.0ºC, 37.5ºC and 40.0ºC and in time periods of 48h; 72h and 96h. In 81 embryos, besides the head-rump length and total weight determination, 6 characteristics were evaluated through morphological scores. Median values that, at the three incubation times, differ from the standard scores, represent accelerated or retarded development. The leng (mais) th and developmental level of embryonic structures, increase with temperature and time elevations, characterizing the interaction in the studied factors, related with the morphogenetic processes.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

9

MicroRNAs e seu papel no desenvolvimento embrionário/ MicroRNAs and its role in embryonic development

Campos, Vinicius Farias; Urtiaga, Gabriel; Gonçalves, Breno; Deschamps, João Carlos; Collares, Tiago
2011-01-01

Resumo em português MicroRNAs (miRNAs) são pequenas moléculas de RNA com aproximadamente 22 nucleotídeos incapazes de codificar proteínas e que apresentam função na regulação pós-transcricional da expressão gênica. Vários estudos vêm demonstrando o importante papel dos miRNAs na regulação do desenvolvimento embrionário de diferentes espécies, desde o controle da expressão de RNAs mensageiros durante o desenvolvimento inicial embrionário até a determinação de linhagens c (mais) elulares durante a organogênese. Esta revisão irá abordar os principais miRNAs e seu papel na biologia reprodutiva, com ênfase no desenvolvimento embrionário de mamíferos. Resumo em inglês MicroRNAs (miRNAs) are small RNA molecules with around 22 nucleotides that are unable to encode proteins and play a key role on post-transcription regulation process. Several studies have demonstrated the relevant role of miRNAs on the regulation of embryonic development on different species, from the control of gene expression during the early embryo development to determination of cellular lineages over the organogenesis. This review will present the miRNAs and its role on reproductive biology focusing on the mammalian embryo development.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

10

Efeito da temperatura na multiplicação celular, no desenvolvimento embrionário e na eclosão de juvenis do segundo estádio de Meloidogyne javanica/ Effect of temperature on embryonic development and in hatching of Meloidogyne javanica

Campos, Hercules Diniz; Campos, Vicente Paulo; Pozza, Edson Ampélio
2008-02-01

Resumo em português Fatores abióticos influenciam a multiplicação celular, o desenvolvimento embrionário, bem como a sobrevivência e eclosão de juvenis do segundo estádio (J2) de Meloidogyne spp. O efeito relativo à temperatura constante tem sido estudado com várias espécies e populações de Meloidogyne. Entretanto, tem sido pouco pesquisado a flutuação de temperatura, a qual predomina no campo entre o dia e a noite ou durante períodos de predominância de massas polares. Assim (mais) , objetivou-se estudar o efeito da flutuação de temperatura em ovos de M. javanica com estádios de desenvolvimento padronizados. Quando foram usados ovos com juvenis já formados, maior percentual de eclosão ocorreu em temperatura fixa de 28 ºC, mas a redução do tempo de exposição a esta temperatura reduziu a eclosão. A exposição dos ovos por 10 horas a 10 ºC, seguido de 14 horas a 28 ºC, proporcionou maior eclosão dos J2 em relação ao mesmo período de exposição mas a 5 ºC seguido de 14 horas a 28 ºC. Já a incubação em temperatura constante de 10 ºC proporcionou menor taxa de eclosão. Ovos no estádio de duas células incubados em temperatura constante de 28 ºC tiveram a multiplicação celular e o desenvolvimento embrionário acelerado em relação às alternadas. Em temperatura constante de 10 ºC ocorreu apenas a multiplicação celular, após a incubação dos ovos por 12 dias. Entretanto, quando incubados por períodos de 10 horas a 10 ºC seguido de 14 horas a 28 ºC ocorreram a formação de juvenis e eclosão de J2, porém significativamente inferior às observadas em temperatura constante de 28 ºC. Em temperaturas de 5 ºC por 10 horas seguida de 28 ºC por 14 horas, não proporcionou eclosão de juvenis no período de 12 dias. Nos ovos ocorreram apenas os estádios pluricelulares, gástrula e "tadpole". Portanto, a temperatura constante de 10 ºC permite apenas a multiplicação celular, e o intervalo de temperatura entre 5 ºC e 10 ºC afeta drasticamente os processos envolvidos no desenvolvimento embrionário de M. javanica. Resumo em inglês Abiotic factors affect the embryonic development, survival and hatching of second-stage juvenile (J2) of Meloidogyne spp. The effect of constant temperature has been studied with various species and populations of Meloidogyne spp. However, the temperature fluctuation which predominates in the field between day and night or during periods of predominance of polar cold front, has not been well studied. Thus, this work aimed to study the effect of temperature fluctuation on (mais) egg of M. javanica with standardized embryo development. When eggs with formed juveniles inside were used, highest percentage of hatching occurred at fixed temperature of 28 ºC. The reduction of the exposure time at 28 ºC reduced hatching. The eggs exposed for 10 hours at 10 ºC and complemented by 14 hours at 28 ºC resulted in greater J2 hatching as compared to 10 hours at 5 ºC complemented by 14 hours at 28 ºC. The incubation at fixed temperature of 10 ºC rendered lowest hatching. When eggs at the two-cell stage were used and incubated at 28 ºC the cell multiplication and embryonic development were speeded up. At constant temperature of 10 ºC for egg incubation during 12 days only cell multiplication occurred. However, when the incubation temperatures varied with period of 10 hours at 10 ºC and complemented by 14 hours at 28 ºC, juveniles were formed inside the eggs and hatched but significantly lower than those at constant temperature of 28 ºC. At alternated temperatures of 10 hours at 5 ºC, complemented by 14 hours at 28 ºC, with the same incubation time, juveniles were not formed. In the eggs occurred only the pluricelular, gastrula and tadpole stages occurred. Therefore, the constant temperature of 10 ºC allows only the cellular multiplication, and the temperature interval of 5 ºC and 10 ºC affect drastically several processes involved in embryo development of M. javanica.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

11

Desenvolvimento Pós-embrionário de Ophyra aenescens (Wiedemann, 1830) (Diptera: Muscidae) em Diferentes Dietas, sob Condições de Laboratório

d'Almeida, José Mario; Borges, Camilla; Gonçalves, Claudia Abrantes
1999-01-01

Resumo em inglês Post-embryonic Development of Ophyra aenescens (Wiedemann, 1830) (Diptera: Muscidae), in Different Diets, under Laboratory Conditions - The performance of various diets (bovine meat, fish- sardine, shrimp, dog faeces, and banana) in Ophyra aenescens development was evaluated. The biology was studied in an incubator (BOD) at 27±1oC and 80±10% of RH. The developmental time from larvae to adult, the developmental time and viability of larvae and pupae, the weight of pupae (mais) as well as the sex ratio of the emerging adults were also determined. Beef and shrimp were the more efficient diets for rearing O. aenescens.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

13

Desenvolvimento pós-embrionário do intestino médio de Dermatobia hominis (Linnaeus Jr.) (Diptera, Cuterebridae)/ Post-embryonic development of Dermatobia hominis (Linnaeus Jr.) (Diptera, Cuterebridae) midgut

Lello, Edy de; Vieira, Ana Maria
2001-03-01

Resumo em inglês Dermatobia hominis (Linnaeus, 1781) midgut is internally lined by an epithelium of polytenic cells, some low others prismatic with well developed brush border. Their apical portion are enlarged by secretory vesicles, forming button-like structures that are pinched off to the lumen, some accompained by the nucleus characterizing apocrine and holocrine secretions. This epithelium is gradually renewed by small, non polytenic regenerative cells, found scattered at its basal p (mais) ortion. At the end of the third instar the metamorphosis begins. The epithelial cells present signs of degeneration and at the first day of pupation the regenerative cells increase in number. By the 5th day of pupation these regenerative cells, besides being increased in number, differentiate themselves into two layers: one similar to the dense conective tissue that sustainning the larval epithelium is pinched off to the midgut lumen forming the "yellow bodies"; the other, develops right under it as the imaginal epitelium. The disorganized muscles bundles of the midgut wall, are invaded by phagocytes. At the end of pupation the midgut has a low prismatic epithelium with brush-border. In the adult, the torax portion of the midgut has prismatic homogeneously basophilic epithelium while in the abdominal portion the epithelium is made of high prismatic cells full of small vacuoles. The larval midgut epithelium suffers programmed cell death non compatible with apoptose. During the metamorphosis the midgut lenght diminishes from 31mm in the larva to 14mm in the adult.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

14

Desenvolvimento pós-embrionário de Pattonella intermutans (Thomson) (Diptera: Sarcophagidae) em diferentes dietas/ Post-embryonary development of Pattonella intermutans (Thomson, 1869) in different diets

Loureiro, Marcio S.; Oliveira, Vanderleia C.; d'Almeida, José Mário
2005-03-01

Resumo em português A proposta deste estudo foi de avaliar o desenvolvimento pós-embrionário de Pattonella intermutans (Thomson, 1869) em dietas artificiais preparadas com agar-agar. Dieta D1: leite em pó integral + fermento biológico; Dieta D2: leite em pó integral + fermento biológico + caseína; Dieta D3: leite em pó integral + ovo cru; Dieta D4: carne bovina moída (dieta controle). A carne bovina moída foi a dieta mais eficiente (peso larval de 195,63 mg e viabilidade de neolarv (mais) a a adulto de 86,5%), quando comparada com as dietas artificiais. Os seguintes resultados foram obtidos para o grupo experimental: Dieta D3: 180,15 mg e 63,5%; Dieta D2: 141,07 mg e 61% e na Dieta D1: 147,98 mg e 51,5%. Resumo em inglês The purpose of this study was to evaluate the post-embryonary development of Pattonella intermutans (Thomson, 1969) in artificial diets composed of agar-agar. Diet D1: whole dried milk + dried brewer's yeast; Diet D2: whole dried milk + dried brewer's yeast+ casein; Diet D3: whole dried milk + whole egg; Diet D4: bovine meal (control diet). The bovine meat was the best diet (larval weight 195.63mg and viability from larvae to adult 86,5%), when compared to all other artif (mais) icial diets. The following performances were obtained for experimental groups: diet D3: 180.15 mg and 63.5%; diet D2: 141.07 mg and 61% and diet D1: 147.98 mg e 51.5%.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

15

Desenvolvimento pós-embrionário do intestino anterior de Dermatobia hominis (Linnaeus Jr.) (Diptera, Cuterebridae)/ Post-embryonic development of Dermatobia hominis (Linnaeus Jr.) (Diptera, Cuterebridae) foregut

Vieira, Ana Maria; Lello, Edy de
2001-03-01

Resumo em inglês Foregut in D. hominis (Linnaeus Jr., 1781) as the majority of the larval Diptera somatic tissue, is made up of polytenic cells, and grows at the expenses of the polytenization of its nuclei followed by the increase in size of each cell. The oesophagus, of ectodermic origem, is interiorly covered by a chitinous squamous epithelium that rests upon a very thin basal lamina. This sheet is surrounded by thick muscle bundles. The oesophagus intussuscepts the midgut forming the (mais) cardia. The cardia, with three epithelial layers: two internal ones, of ectodermal origin and one external of endodermic origin. At the anterior portion of the cardia, between these two types of epithelium, there is a cluster of small, non polytenic cells, forming the imaginal disk of the foregut. Metamoiphosis begins at the end of the larval period with signs of nuclear degeneration of all the polytenic cells, as well as the increase in number of the imaginal disk ones. The oesophagic portion intussuscepted into the cardia, everts; its cells suffer apoptosis and are replaced by the new cells growing from the imaginal disk. The external layer cells also degenerate and are pinched off into the lumen of the very anterior portion of the midgut. The newly formed oesophagus intussuscepts "de novo" to form the two internal layers of the adult cardia. At the same time the midgut regenerative cells grow anteriorly to form the new external layer of the adult cardia.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

16

Desenvolvimento pré-embrionário em ratas tratadas com oxcarbazepina nos quatro primeiros dias após a inseminação/ Pre-embryo development in rats treated with oxcarbazepine in the first four days after insemination

Guerra, M. de O.; Oliveira, L. E. G. de; Peters, V. M.
2000-10-01

Resumo em português A oxcarbazepina é uma droga antiepiléptica de alta eficácia e poucos efeitos colaterais, mas pouco estudada quanto a seus efeitos durante a gestação humana e animal. OBJETIVO: Verificar se a administração de oxcarbazepine em ratas, nos quatro primeiros dias após a inseminação, altera a viabilidade ou o desenvolvimento do pré-embrião. MÉTODOS: Ratas Wistar foram tratadas com 20 ou 200 mg de oxcarbazepina/ Kg de peso corporal, via gástrica, nos dias 1, 2, 3, o (mais) u 4 a partir da inseminação ou, consecutivamente, do 1º ao 4º. Os pré-embriões foram coletados no quinto dia, visando verificar a quantidade e o desenvolvimento até a fase de blastocisto expandido. O peso corporal materno e sinais como pelos eriçados e alteração de atividade locomotora foram anotados para verificar indícios de toxicidade materna. Número de corpos lúteos e peso de ovários foram anotados com vistas à capacidade reprodutiva do animal. RESULTADOS: Não ocorreram perdas de pesos corporais maternos e nenhuma alteração física indicativa de desconforto para as ratas. Peso de ovários e número de corpos lúteos não diferiram entre tratados e controles. O número médio de pré-embriões por mães, o índice de perdas embrionárias, a proporção de blastocistos expandidos com relação ao total de pré-embriões e a média de blastocistos expandidos/mãe, não diferiram entre tratados e controles. CONCLUSÃO: A oxcarbazepina administrada em ratas, seguindo o esquema terapêutico mencionado, não apresentou efeito tóxico sobre a mãe e não alterou o desenvolvimento do pré-embrião. Resumo em inglês Oxcarbazepine is a highly efficcacious antiepileptic drug which has very few side effects and has been poorly investigated as to its effects during human and animal gestation. PURPOSE: To verify if the administration of oxcapazepine to female rats in the first four days ofter fertilization alters the viability or development of the pre-embryo. METHODS: Wistar rats were treated with 20 or 200mg oxcarbazepine/Kg body weight by oral gavage, 1,2,3,or 4 days after insemination (mais) or, consecutively, from the first to de fourth day aiming at veryfing the amount and the development up to the expanded blastocyst stage. Maternal body weight and signs such as hair bristling and alteration of the locomotion activity were observed in order to verify any signs of maternal toxicity. A number of corpora lutea and ovaries weight were noted for the analysis of the animal reproductive capacity. RESULTS: Neither maternal body weight losses nor any physical alteration indicative of discomfort to the rats was observed. Ovaries weight and number of corpora lutea did not differ between treated and control animals. The average of pre-embryos per mother, the index of embryonic losses, the proportion of expanded blastocysts in relation to the total number of pre-embryos and the average of expanded blastocyst/mother did not differ between treated and control animals. CONCLUSIONS: The data indicate that oxcarbazepine administered to female rats following the therapeutic procedure mentioned above, did not show any toxic effect on the mother and did not alter the pre-embryo development.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

18

Desenvolvimento pós-embrionário de Anteos menippe (Hübner) (Lepidoptera, Pieridae) em Cassia ferruginea Shrad. (Caesalpinaceae), em laboratório/ Development stadia of Anteos menippe (Hübner) (Lepidoptera, Pieridae) on Cassia ferruginea Shrad. (Caesalpinaceae), in laboratory

Born, Flávia de Souza; Lima, Iracilda Maria de Moura
2005-12-01

Resumo em português Com o objetivo de estabelecer a duração do desenvolvimento pós-embrionário e dos instares, foram coletados ovos de Anteos menippe em folhas de Cassia ferruginea e levados ao laboratório para o registro das datas das ecdises. O desenvolvimento pós-embrionário durou (média ± erro-padrão) 25,7 ± 0,4 dias. O período larval (15,9 ± 0,3 dias) representou 61,7% do desenvolvimento e contou com cinco instares: L1= 2,2 ± 0,1; L2= 1,7 ± 0 (mais) ,2; L3= 2,0 ± 0,1; L4= 3,4 ± 0,1 e L5= 6,4 ± 0,3. Este último ínstar contou com uma fase ativa (5,4 ± 0,3 dias) e prepupa (1 dia). O período pupal foi de 9,9 ± 0,2 dias. O período de inatividade (prepupa + pupa) foi de 10,9 ± 0,2 dias representando 42,2% do desenvolvimento pós-embrionário, sendo o período ativo (larval ativo) 57,8% do desenvolvimento. A viabilidade de ovos foi de 91,6% e a sobrevivência, a partir do número de lagartas neonatas foi de 59,8%. Resumo em inglês In order to determine the duration of the post-embryonic development and its instars, eggs of Anteos menippe were collected from Cassia ferruginea leaves and were taken into the laboratory to register the dates of ecdysis. The post-embryonic development was (in days average ± standard error) 25.7 ± 0.4, the larval period 15.9 ± 0.3 represented 61.7% of the development and had five instars: L1 = 2.2 ± 0.1, L2 = 1.7 ± 0.2, L3 = 2.0 ± (mais) ; 0.1, L4 = 3.4 ± 0.1 and L5 = 6.4 ± 0.3. This last instar had an active phase (5.4 ± 0.3) and a prepupal phase (1 day long). The pupal period was 9.9 ± 0.2. The inactivity period (prepupa + pupa) 10.9 ± 0.2 days represented 42.2% of the post-embryonic development, and the active phase 57.8%. The egg viability was 91.6% and the survival, starting from neonate larvae, was 59.8%.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

19

Desenvolvimento pós-embrionário de Lucilia cuprina (Wied., 1830) (Diptera: Calliphoridae), criada emdieta a base de carne eqüina em diferentes estágiosde putrefaçâo/ POS-EMBRIONARY DEVELOPMENT OF Lucilia cuprina (WIED, 1830) REARED ON HORSE MEAT EXPOSED AT DIFFERENT PERIODS OF PUTREFACTION

PAES, MARIA JOSE; GATTO BRITO, LUCIANA; CASTELO BRANCO, MARIALICE; MOYA-BORJA, GONZALO EFRAIN
2000-07-01

Resumo em português O objetivo deste estudo foi comparar a influência de diferentes fases verificar o desenvolvimento embrionário de Lucilia cuprina em dieta a base de carne eqüina (duas, 24, 48, 72 e 96 horas) sobre o desenvolvimento embrionário. Utilizaram-se 60 gramas de dieta por repetição/tratamento, considerando-se a relação de 1 larva/2g de substrato. Foram utilizadas quatro repetições por tratamento. Os resultados obtidos indicaram que a duração da fase larval e pupal ori (mais) unda deste substrato foi, em média, menor nos tratamentos relativo a 2 e 24 horas, respectivamente, refletindo-se, em uma redução da massa corporal, ocorrendo o inverso nos tratamento de 72 e 96 horas. A taxa de emergência dos adultos foi superior a 50% em todos os tratamentos Resumo em inglês Pos-embrionary development of Lucilia cuprina reared on horse meat, previously exposed at 27°C for different periods (two, 24, 48, 72 and 96 hours) was studied. Sixty grams of diet and 2 g diet per 1 larva ratio were used. There were four replication in each treatment. The results of this experiment indicated that the development time of the larval and pupal stages were shorttened when L. cuprina was reared on this substrate previously exposed to 2 and 24 hours. However, the body weigth was lower than that observed. The emergence of adults were higher than 50% in each treatment

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

20

Alimentação de fêmeas de jundiá com fontes lipídicas e sua relação com o desenvolvimento embrionário e larval/ Use of lipid sources on feeding jundiá (Rhamdia quelen) and its relation with embryo and larval development

Parra, Jorge Erick Garcia; Radünz Neto, João; Veiverberg, Cátia Aline; Lazzari, Rafael; Bergamin, Giovani Taffarel; Pedron, Fabio de Araújo; Rossato, Suzete; Sutili, Fernando Jonas
2008-10-01

Resumo em português O objetivo deste trabalho foi avaliar a eficiência da alimentação de fêmeas de jundiá com diferentes fontes lipídicas no desenvolvimento embrionário e larval. Foram utilizadas 12 fêmeas de jundiá (peso inicial de 500g), distribuídas ao acaso em três tanques-rede (1m³), alimentadas durante 10 semanas. Foram utilizados três dietas contendo como fontes lipídicas: banha suína (BS), óleo de girassol (OG), óleo de canola (OC). No momento da eclosão, foram cole (mais) tadas nas incubadoras amostras de dez (10) larvas. Uma amostra de pós-larvas foi coletada às 12, 24, 36 e 48 horas pós-eclosão para medição. Mais três amostras de pós-larvas de cada incubadora foram capturadas e criadas durante 14 dias (30 larvas L-1). O desempenho das fêmeas e o desenvolvimento larval não foram afetados pelas fontes lipídicas testadas. Conclui-se que a banha suína é tão eficiente quanto óleo de girassol e canola como fontes lipídicas para fêmeas reprodutoras de jundiá e proporcionam bom desenvolvimento embrionário e larval. Resumo em inglês The aim of this study was to evaluate the efficiency of feeding female South America catfish Rhamdia quelen with different lipids sources and their influence in embryo and larval stage. Twelve (12) female catfishes initial weight of 500g, distributed randomly among three (3) net-tanks and fed for ten (10) weeks were used. The female fishes were fed with three (3) different types of experimental diet containing lipid sources: Swine fat (BS), sunflower oil (OG) canola oil ( (mais) OC). At hatch time, 10 larvae were collected from each net tank. One post larvae sample was collected at 12, 24, 36, 48 hours after hatch to verify measurement. Three samples were captured and raised in reuse water system during fourteen days (30 larvae L-1). The female reproductive performance and the larval development were not affected by the lipid sources tested. The data revealed that swine fat is as good as sunflower and canola oil as lipid sources for reproductive female catfishes and that they can provide excellent embryo and larval development.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

21

Efeito do nível de uréia na dieta sobre o desempenho, a qualidade e o estádio de desenvolvimento embrionário em cabras Alpinas/ Effect of the dietary urea level on performance, quality and embryonic development stage on Alpine goats

Alves, N.G.; Torres, C.A.A.; Rodrigues, M.T.; Cecon, P.R.; Santos, A.D.F.; Siqueira, L.G.B.; Bitencourt, L.L.; Moraes, E.A.
2007-08-01

Resumo em português Utilizaram-se 22 cabras da raça Alpina, distribuídas aleatoriamente em quatro tratamentos (T): as cabras do T1 (n=5) formaram o grupo-controle; as do T2 (n=7) receberam 0,73% de uréia na matéria seca da dieta; as do T3 (n=4) receberam 1,46% de uréia; e as do T4 (n=6), 2,24% de uréia. As cabras foram superovuladas e os embriões, coletados entre sete e oito dias após a primeira monta, foram avaliados quanto à qualidade e ao estádio de desenvolvimento. Amostras de (mais) sangue para dosagem dos teores de uréia e glicose foram coletadas nos dias do estro e da coleta de embriões. Houve efeito linear crescente do nível de uréia nas dietas sobre o consumo de MS (kg/dia) e de proteína bruta (kg/dia). O peso das cabras não diferiu (P>0,05) entre os tratamentos nem entre as semanas experimentais. Dezoito cabras (81,8%) manifestaram estro após a sincronização. A duração do estro e o intervalo da remoção da esponja ao início do estro não foram influenciados (P>0,05) pelos tratamentos. Quatorze cabras (77,8%) responderam à superovulação. O número de estruturas e de embriões coletados não diferiu (P>0,05) entre os tratamentos. O número (Y= 10,90 - 11,64NS U + 4,93§U²; R² = 0,67; PªU²; R² = 0,94; P0,05) pelos tratamentos. A uréia pode ser fornecida no nível de 2,24% na MS da dieta de cabras não lactantes. Resumo em inglês Twenty-two Alpine goats were allocated at random into four treatments: 0.0% (T1 - control, n=5); 0.73% (T2, n=7); 1.46% (T3, n=4) or 2.24% (T4, n=6) of urea in the dry matter (DM) of the diet. Embryos collected from 7 to 8 days after mating of superovulated goat were evaluated by quality and development stage. Blood samples for urea and glucose analyses were collected at estrus and at embryos collection day. The DM (kg/day) and crude protein (kg/day) intake increased line (mais) arly in function of dietary urea level. Goat body weights were not affected by treatments out experimental weeks (P>0.05). Eighteen goats (81.8%) came in estrus after the synchronization. The estrus length and the interval from sponge removal to the beginning of estrus were not affected (P>0.05) by treatments. Fourteen goats (77.8%) were responsive to superovulation protocol. The levels of urea (treatments) did not affect structures and embryo numbers (P>0.05). Number (Y= 10.90 - 11.64NS U + 4.93§U²; R²= 0.67; PªU²; R²= 0.94; P0.05). Diets for no nursing goats can be supplied by urea at 2.24% of DM.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

22

Efeito da escassez de alimento no desenvolvimento pós-embrionário e no potencial reprodutivo de Chrysoperla externa (Hagen) (Neuroptera: Chrysopidae) em laboratório/ Effect of food shortage on the post-embryonic development and reproductive potential of Chrysoperla externa (Hagen) (Neuroptera: Chrysopidae) in the laboratory

Angelini, Marina Robles; Freitas, Sérgio de
2006-01-01

Resumo em português As conseqüências da escassez alimentar no período pós-embrionário e potencial reprodutivo de Chrysoperla externa (Hagen) em laboratório foram avaliadas. Larvas de 1.°, 2.º e 3.° ínstares receberam alimento apenas no 1.°, 2.º ou 3.° dia após a ecdise. Nos períodos em que antecederam ou sucederam os testes com os respectivos ínstares, as larvas receberam uma, duas e três unidades de alimentação (UA) a cada dois dias para o 1.°, 2.º e 3.° ínstares, res (mais) pectivamente. Cada UA constou de um disco de cartolina contendo ovos de Sitotroga cerealella (Olivier) (Lepidoptera: Gelechiidae). Diariamente, avaliou-se a viabilidade nos diferentes ínstares, da fase larval e pupal, assim como os períodos de pré-oviposição e oviposição, o número e a viabilidade de ovos. A escassez de alimento durante o 1.° ínstar pode ser suprida no decorrer do desenvolvimento larval. Entretanto, as larvas precisam encontrar alimento nas primeiras 48 horas de vida, pois a viabilidade nesse ínstar foi decrescendo com a ausência de alimento, podendo ocorrer 100% de mortalidade quando as larvas não se alimentam em até 48 horas após a eclosão. Os períodos de pré-oviposição e oviposição, assim como a fecundidade, não foram influenciados pela escassez de alimento durante o 1.° ínstar larval. Durante os 2.° e 3.° ínstares larvais, C. externa necessita de alimentação rica em proteína, pois a ingestão de apenas água e açúcares nesses estádios ocasionou alta mortalidade. Entretanto, a fecundidade e viabilidade dos ovos não foram afetadas pela escassez de alimento nesses ínstares. Resumo em inglês The consequences of food shortage on the post-embryonic development and reproductive potential of Chrysoperla externa (Hagen) in the laboratory were evaluated. First, second, and third instar larvae received only food on the 1.st, 2.nd, or 3.rd day after ecdysis. During the periods that preceded or followed the tests in the corresponding instars, the larvae received one, two, and three feeding units (FU) at every two days for the 1.st, 2.nd, and 3.rd instars, respectively (mais) . Each FU consisted of a cardstock disc containing Sitotroga cerealella eggs (Lepidoptera: Gelechiidae). Daily evaluations included survival in the different instars and in the larval and pupal stages, as well as the pre-oviposition and oviposition periods, plus number and viability of eggs. The results showed that food shortage during the 1st instar could be offset during larval development. However, the larvae must find food in their first 48 hours of age, because survival in that instar gradually decreased in the absence of food, and 100% mortality may occur when the larvae do not feed until 48 hours after hatching. The pre-oviposition and oviposition periods, as well as fecundity, were not influenced by food shortage during the 1st larval instar. C. externa larvae require a protein-rich diet during the 2.nd and 3.rd instars, since the ingestion of water and sugars alone during these stages caused high larval mortality. However, fecundity and egg viability were not affected by food shortage during the studied instars.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

23

Desenvolvimento osteológico de Hippocampus reidi Ginsburg (Pisces, Syngnathiformes, Syngnathidae), em laboratório: I. Período embrionário/ Osteologic Development of Hippocampus reidi Ginsburg (Pisces, Syngnathiformes, Syngnathidae), Under Laboratory Conditions: I. Embryonic Phase

Silveira, Rosana Beatriz
2000-06-01

Resumo em inglês The cartilaginous Structures of the cmbryos of Hippocampus reidi Ginsburg, 1933, were described as well as the beginning of the ossification process in the dentary, angular, retroarticular, operculum, frontal, supraoccipital bonés and neural end hemal arches. The viteline sac is well developed. The results show that cartilaginous structures are predominam in specimens with an average of 4.85 mm in total length.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

24

Morfologia e duração do desenvolvimento pós-embrionário de Chrysomya megacephala (Diptera: Calliphoridae) em condições de laboratório

Barros-Cordeiro, Karine Brenda; Pujol-Luz, José Roberto
2010-01-01

Resumo em português A morfologia e o tempo de desenvolvimento pós-embrionário de Chrysomya megacephala (Fabricius) criada em condições de laboratório e em dieta de carne bovina, foi descrita e comparada ao de outras espécies. Os parâmetros analisados foram à duração dos instares larvais e a morfologia. Para isso as larvas foram fixadas e preservadas em intervalos de tempo de 2 horas, desde a eclosão das larvas até a 50ª hora, a fim de se determinar o tempo de desenvolvimento de (mais) cada estágio. O tempo total de desenvolvimento larval para C. megacephala foi de 98 horas, com média de comprimento 15,51 mm. Essa espécie tem comportamento necrobiontófago e de importância sanitária e médico-legal, usada na estimativa do intervalo post-mortem em investigação criminal. Resumo em inglês Morphology and duration of the post-embryonary development of Chrysomya megacephala (Diptera: Calliphoridae) in laboratory conditions. The morphology and developmental time of the post-embryonic stage of Chrysomya megacephala (Fabricius) reared in laboratory on a beef diet, is described and compared to those of other blow-flies species. The parameters analyzed were the duration of the larval stages and the morphology. Larvae were fixed and preserved at 2 hours intervals, (mais) from larval eclosion until the 50th hour of life, in order to determine the duration of each stage. The total period of larval development in C. megacephala was 98 hours and their mean length was 15.51 mm. This species presents a necrobiontophagous behavior and has sanitary and medico-legal importance, being used for estimating postmortem interval in criminal investigations.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

25

Fator de crescimento derivado das plaquetas, retinol e insulina na regulação da maturação nuclear de oócitos bovinos e suas conseqüências no desenvolvimento embrionário/ Platelet-derived growth factor, retinol and insulin in the regulation of bovine oocyte nuclear maturation and their consequent effect in the embryonic development

Bortolotto, E.B.; Gonçalves, P.B.D.; Neves, J.P.; Costa, L.F.S.; Maciel, M.N.; Montagner, M.M.; Farias, A.M.; Stranieri, P.
2001-04-01

Resumo em português O objetivo deste trabalho foi verificar as ações do fator de crescimento derivado das plaquetas (PDGF; P), da insulina (I), do retinol (R) e de suas associações (PI, PIR, IR e PR) na maturação nuclear (MN) de oócitos bovinos e suas conseqüências no desenvolvimento embrionário (DE). O meio básico para maturação dos oócitos nos diferentes tratamentos foi o TCM-199 modificado acrescido de PVA (controle). No DE, foram utilizados os grupos R, PIR, IR, um controle (mais) negativo (PVA) e um controle positivo, contendo soro fetal bovino e gonadotrofinas (SFBHOR). Os fatores P, I, R e suas associações não aceleraram a MN em 7h mas sim após 18h (P Resumo em inglês The aim of the present study was to determine the effect of platelet-derived growth factor (PDGF; P), insulin (I) retinol, (R) and their interactions (PI, PIR, IR and PR) on oocyte nuclear maturation (NM) and, consequent, embryonic development (ED). The basic medium for oocyte maturation in the treatments was the modified TCM-199, supplemented with PVA (control). To study the embryonic development, the oocytes were divided in three treatments, R, PIR e IR, a negative (PVA (mais) ) and a positive control group (containing calf fetal serum and gonadotrophic hormones; FCSHOR). The PDGF, insulin, retinol and their interactions did not change the kinetic of the NM, in seven hours of culture (P=0.4492) but it changed after 18 hours of maturation (P

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

26

Efeito de diferentes dietas sobre o desenvolvimento pós-embrionário de Chrysoperla defreitasi Brooks (Neuroptera: Chrysopidae)/ Effect of different diets on post-embryonic development of Chrysoperla defreitase Brooks (Neuroptera: Chrysopidae)

BIAGIONI, ALEXANDRE; FREITAS, SÉRGIO DE
2001-06-01

Resumo em português Avaliou-se o período pós-embrionário do predador Chrysoperla defreitasi Brooks alimentada com ovos de Sitotroga cerealella (Olivier) e Diatraea saccharalis (Fabricius) em condições de laboratório à temperatura de 25±2ºC, UR de 70±10% e fotofase de 14h. Os ovos do crisopídeo foram individualizados em tubos de vidro e, após a eclosão, as larvas foram alimentadas com as respectivas presas e mantidas em sala climatizada, sob condições controladas. O delineament (mais) o estatístico utilizado foi inteiramente casualizado com 150 repetições para cada dieta. As durações do 1º, 2º e 3º ínstar e da fase pupal foram, respectivamente, 3,4, 2,7, 3,5 e 11,9 dias para larvas alimentadas com D. saccharalis e 3,6, 2,8, 2,7 e 9,3 dias, quando a dieta oferecida foi ovos de S. cerealella. Larvas de crisopídeos alimentados com ovos de D. saccharalis levaram em média 21,5 dias para completar o desenvolvimento pós-embrionário, com 34,0% de adultos emergidos, enquanto que os alimentados com ovos de S. cerealella levaram 18,4 dias com 55,3% de adultos. Pode-se, pois, constatar que a melhor dieta para o desenvolvimento pós-embrionário de C. defreitasi foram os ovos de S. cerealella, sendo que insetos alimentados com esta dieta apresentaram período mais curto de desenvolvimento, maior viabilidade nos três ínstares larvais e no período pupal, produzindo maior número de adultos. Resumo em inglês The post-embryonic period of the predator Chrysoperla defreitasi Brooks, fed on eggs of Sitotroga cerealella (Olivier) and Diatrea saccharalis (Fabricius) was evaluated under laboratory conditions at 25±2ºC temperature, 70±10% RU, and 14h photophase. The chrysopidae eggs were individualized in glass tubes and after eclosion the larvae were fed on the respective preys and maintained under controlled conditions in a climatic chamber. The experimental design used was comp (mais) letely randomized with 150 replications for each diet. The duration of the 1st, 2nd, and 3rd instars as well as of the pupal phase were 3.4, 2.7, 3.5, and 11.9 days, respectively, for the larvae fed on D. saccharalis and 3.6, 2.8, 2.7, and 9.3 days, respectively, when the diet provided was S. cerealella eggs. Chrysopidae larvae fed on eggs of D. saccharalis took an average of 21.5 days to complete the post-embryonic development, with 34.0% of adults emerged, while the individuals fed on S. cerealella eggs took 18.4 days in average, with 55.3% of adults emerged. Data allowed to conclude that the best diet for post-embryonic development of C. defreitasi are eggs of S. cerealella, since insects fed on that diet had a shorter development period, higher viability of the three larval instars as well as of the pupal stage, producing higher number of adults.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

27

Macrosporogênese, formação e desenvolvimento do saco embrionário, do endosperma e do embrião em Coffea Dewevrei De Wild, et Th. Dur/ Megasporogenesis, formation and development of embriosac and embryo in Coffea Dewevrei de Wild Et Th. Dur

Medina, Dixier M.
1960-01-01

Resumo em português O desenvolvimento do saco embrionário nas flores de Coffea Dewevrei é um processo mais demorado do que em C. canephora e muito mais lento do que em C. arabica. As primeiras divisões do megasporo funcional têm início no dia da abertura da flor, raros sacos embrionários se apresentando completos no 1.° dia; em geral estão completos aos oito dias e, independentemente da fertilização, apresentam os núcleos polares fundidos 10 dias após a abertura das flores. A fer (mais) tilização se dá a partir do 6.° dia, sendo mais comum a partir do 10.° dia. É também a partir do 10.° dia que ocorrem as primeiras divisões do endosperma, que pode apresentar até 20 núcleos antes de se tornar celular, e isto pode ocorrer dos 22 aos 107 dias. Somente depois que o endosperma se apresenta celular é que se dá a l.ª divisão na célula-ôvo; e esta primeira divisão só foi observada aos 142 dias. Em óvulos dessa mesma idade foram observados pró-embriões em estado um pouco mais adiantado de desenvolvimento. O crescimento do endosperma em volume é lento na primeira fase; o óvulo, no entanto, cresce rapidamente em seguida à fertilização, atingindo em média, aos 142 dias, um tamanho 1500 vezes maior que seu tamanho por ocasião da abertura da flor. No mesmo espaço de tempo o endosperma torna-se, em média, somente 230 vezes o volume inicial. Mesmo na falta da fertilização o óvulo cresce ligeiramente durante os 30 primeiros dias; observam-se, porém, os sinais de degenerescência do saco embrionário, que não cresce. Em seguida, os tecidos do óvulo também degeneram e se isto ocorrer nos dois óvulos, o ovário se desprende da árvore; alguns chegam a se manter na planta até 107 dias. Resumo em inglês The embryo sac development in Coffea Dewevrei De Wild et Th. Dur. is a slower process than in the other diploid species C. canephora and still slower than in the tetra-ploid species C. arábica. First divisions of functional megaspore begin on the day the flowers open. Very few complete embryo sacs are found in the next day; in general, the embryo sac is complete on the eighth day and from the tenth day on most of them present fused polar nuclei whether fertilization has (mais) taken place or not. Fertilization was observed on the sixth day but was more frequently seen about the tenth day. Divisions of primary nucleus of the endosperm could be seen from the tenth day on. The endosperm is of "non-cellular" type, its transformation into "cellular" occurring from 22 till 107 days after flower opening. Oosphere maintains itself undivided; its first division was observed on the 142th day, but probably occurred before, aince at that time multicellular pro-embryos were also seen. After fertilization the ovule increases rapidly in volume, and becomes 1500 times larger on the 142th day. Meanwhile the endosperm develops very slowly, its volume increasing 230 times. Even when fertilization does not occur, the ovule grows during the first 30 days; the embryo sac, however, does not grow and desintegrates rapidly. Afterwards, the ovule tissues also degenerate and the ovary falls down.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

28

Determinação das exigências térmicas para o desenvolvimento pós-embrionário de Lucilia cuprina (Wied., 1830) (Diptera: Calliphoridae)/ DETERMINATION ON THE THERMAL REQUIREMENT TO THE POS-EMBRIONARY DEVELOPMENT OF Lucilia Cuprina (WIED., 1830) (DIPTERA: CALLIPHORIDAE)

PAES, MARIA JOSE; GATTO BRITO, LUCIANA; MOYA-BORJA, GONZALO EFRAIN; DAEMON, E
2001-07-01

Resumo em português O objetivo deste trabalho foi analisar o desenvolvimento pós-embrionário de Lucilia cuprina em diferentes temperaturas (20, 25 30 e 35º C), para determinar a constante térmica das diferentes fases do seu ciclo biológico, em condições de laboratório. Trinta larvas recém-eclodida foram transferidas para recipiente plástico, contendo 60 gramas de carne eqüina, previamente mantida por 24 horas sob temperatura de 27º C. Em seguida, estes recipientes foram alocados (mais) em câmara climatizada nas diferentes temperaturas. Cada tratamento constou de três repetições. A interseção da regressão da taxa de desenvolvimento larval e pupal mostra que a temperatura base foi de 10, 35 and 10,13 º C, respectivamente, correspondendo às constantes térmicas de 121,57 e 167,87 GD, respectivamente. O reconhecimento da predileção térmica, permite-nos assumir que o desempenho das larvas de L. cuprina em dieta a base de carne equina de 25º C foi a mais adequada à criação deste díptero em laboratório Resumo em inglês The objetive of this study was to analyze the post-embrionary development of Lucilia cuprina under different temperatures (20, 25, 30 and 35ºC), in order to determine the thermal constant of the different phases of this life cycle under laboratorial conditions. Thirty larva newly hatched were transfered to plastic recipients, containing 60 g of equine meat previously maitained 24 hours under 27ºC. After that, the recipients were kept in climatized chamber under differen (mais) t temperature. Each treatment was perfomed with three repetitions. The intersection of regression rate of the larval development shows that the temperature base was 10,35 and 10,13ºC, respectively, corresponding to the thermal constant 121,57 and 167,87 GD, respectively. The recognition of the thermal preference allowed us to determine that the larval development of L. cuprina on a diet of equine meat, at 25ºC, was the most adequate to the rearing of this diptera or under laboratoral conditions

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

29

Macrosporogênese, formação do saco embrionário, desenvolvimento do endosperma e do embrião em uma forma tetraplóide de melancia (Citrullus vulgaris SHRAD)

Medina, Dixier M.
1962-01-01

Resumo em português Na melancia tetraplóide da variedade Keckley Sweet, observa-se ainda em estados iniciais do desenvolvimento, uma diferenciação no tamanho dos óvulos, diferenciação essa que se acentua cada vez mais. Nos óvulos maiores, a mocrosporogênese ocorre antes da abertura da flor. Quando isso se verifica, quase todos os sacos embrionários estão completos e a fertilização se dá entre 24 e 48 horas após a abertura. As primeiras divisões da célula-ôvo aparecem do 7.° (mais) dia em diante, quando o endosperma já apresenta 6 a 16 núcleos. Observou-se a formação do haustório do endosperma de forma tubular, cujo desenvolvimento é máximo cêrca de 10 dias após a abertura, ocasião em que o embrião ainda se apresenta globular. Em óvulos de 13 e 14 dias o haustório se mostra atrofiado, o embrião é cordiforme e o endosperma bastante desenvolvido. Aos 20 e 22 dias de idade, as sementes completam seu desenvolvimento, encontrando-se, de dentro para fora: o embrião tomando todo o espaço correspondente ao endosperma e ao nucelo; o nucelo, reduzido a uma película fina e transparente; finalmente, o tegumento externo, duro e bastante espêsso. Uma correlação entre o desenvolvimento do saco embrionário e o crescimento do nucelo pôde ser estabelecida. Nesta variedade de melancia, constatou-se grande eliminação de óvulos durante o processo de desenvolvimento do fruto: parte antes da fertilização, parte naqueles que foram fertilizados. Essa eliminação se traduz num atraso cada vez mais acentuado no desenvolvimento das diversas portes da semente, produzindo no fruto maduro uma série de sementes "abortadas" e "chôchas". Sòmente uma pequena fração dos óvulos se transforma em sementes normais e, em conseqüência esta forma tetraplóide apresenta poucas sementes. Resumo em inglês Megasporogenesis, embryo-sac formation and endosperm and embryo development were studied in a tetraploid variety of watermelon which was artificially obtained some years ago at the Instituto Agronômico de Campinas, State of São Paulo. Since the first stages of embryo-sac formation the avules are of different sizes. In the "larges" ovules, megasporogenesis occurs before the opening of the flowers; almost all the ovules show complete embryo-sac at the day of anthesis and (mais) fertilization takes place 24 to 48 hours afterwards. Egg cell begins to divide about the seventh day; at this time the endosperm has about 16 nuclei. Cholozol endosperm houstorium has been detected and its maximum length is shown in ten-day ovules, in which the embryo is at a globular stage. In the ovules of 13 and 14 days it hos been observed well developed endosperm with an atrophied haustorium when present; the embryo was then heart-shaped. Completely mature seeds were found in unripe fruits 20 and 22 days old; in such seeds the embryo occupies the whole inner space before being filled by the endosperm and the nucellus; the latter is reduced to o thin and transparent envelop of the embryo; externally there is the hard and thick outer integument. A relation between the embryo-sac development and nucellar growth hos been well established. It was noticed a very large elimination of ovules during fruit formation either before or after fertilization: the ovules became more and more delayed in the development of their different parts and eventually formed a large series of "aborted" seeds in the ripe fruit. Only a small port of the ovules became normal seeds thus explaining why this tetroploid variety of watermelon shows a much smaller number of seeds than the original diploid.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

30

Influência da temperatura e umidade no desenvolvimento ninfal de Rhodnius robustus/ Influence of temperature and humidity on the nymphal development of Rhodnius robustus

Rocha, Dayse da S; Jurberg, José; Carcavallo, Rodolfo U; Presgrave, Octavio AF; Cunha, Vanda; Galvão, Cleber
2001-08-01

Resumo em português OBJETIVO: Avaliar as diferenças significativas de desenvolvimento ninfal da espécie Rhodnius robustus Larrousse, 1927, submetida a diferentes condições de temperatura e umidade, que se encontra distribuída na região Norte do Brasil (Acre, Amazonas e Pará) e na Colômbia, no Equador, no Peru e na Venezuela. MÉTODOS: Formaram-se três grupos de Rhodnius robustus, mantidos em diferentes condições de laboratório: 33/40 (33+/-1°C e 40+/-5% UR -- umidade relativa), (mais) 33/70 (33+/-1°C e 70+/-5% UR) e 28/70 (28+/-1°C e 70+/-5% UR), para observar o período de incubação dos ovos, o desenvolvimento de cada estádio, os percentuais de mortalidade e os número de repastos realizados. RESULTADOS: O menor período médio de desenvolvimento ninfal foi observado no grupo 28/70 com as médias: 14,4; 17,3; 20,3; 22,8 e 40. O desenvolvimento embrionário apresentou diferenças significativas entre os tratamentos utilizados (p Resumo em inglês OBJECTIVE: To assess the significant differences in the nymphal development of the Rhodnius robustus Larrousse, 1927 under different temperatures and humidity conditions. This is a species found in the northern region of Brazil (states of Acre, Amazonas, and Pará), Colombia, Equator, Peru and Venezuela. METHODS: Three groups of triatominae were kept under the following laboratory conditions: 33/40 (33+1°C and 40+/-5% of relative humidity -- RH), 33/70 (33+/-1°C and 70+ (mais) /-5% RH), and 28/70 (28+/-1°C and 70+/-5% RH). The incubation period of the eggs, developmental time of each stage, mortality percentage, number of bloodmeals, and the total amount of time from the egg hatching to adult ecdysis were observed. RESULTS: The shortest average time of nymphal development was observed in the 28/70 group, with following averages: 14.4, 17.3, 20.3, 22.8, and 40. Significant differences were observed in the embryonic development between the groups (p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

31

Influência da temperatura e umidade no desenvolvimento ninfal de Rhodnius robustus/ Influence of temperature and humidity on the nymphal development of Rhodnius robustus

Rocha, Dayse da S; Jurberg, José; Carcavallo, Rodolfo U; Presgrave, Octavio AF; Cunha, Vanda; Galvão, Cleber
2001-08-01

Resumo em português OBJETIVO: Avaliar as diferenças significativas de desenvolvimento ninfal da espécie Rhodnius robustus Larrousse, 1927, submetida a diferentes condições de temperatura e umidade, que se encontra distribuída na região Norte do Brasil (Acre, Amazonas e Pará) e na Colômbia, no Equador, no Peru e na Venezuela. MÉTODOS: Formaram-se três grupos de Rhodnius robustus, mantidos em diferentes condições de laboratório: 33/40 (33+/-1°C e 40+/-5% UR -- umidade relativa), (mais) 33/70 (33+/-1°C e 70+/-5% UR) e 28/70 (28+/-1°C e 70+/-5% UR), para observar o período de incubação dos ovos, o desenvolvimento de cada estádio, os percentuais de mortalidade e os número de repastos realizados. RESULTADOS: O menor período médio de desenvolvimento ninfal foi observado no grupo 28/70 com as médias: 14,4; 17,3; 20,3; 22,8 e 40. O desenvolvimento embrionário apresentou diferenças significativas entre os tratamentos utilizados (p Resumo em inglês OBJECTIVE: To assess the significant differences in the nymphal development of the Rhodnius robustus Larrousse, 1927 under different temperatures and humidity conditions. This is a species found in the northern region of Brazil (states of Acre, Amazonas, and Pará), Colombia, Equator, Peru and Venezuela. METHODS: Three groups of triatominae were kept under the following laboratory conditions: 33/40 (33+1°C and 40+/-5% of relative humidity -- RH), 33/70 (33+/-1°C and 70+ (mais) /-5% RH), and 28/70 (28+/-1°C and 70+/-5% RH). The incubation period of the eggs, developmental time of each stage, mortality percentage, number of bloodmeals, and the total amount of time from the egg hatching to adult ecdysis were observed. RESULTS: The shortest average time of nymphal development was observed in the 28/70 group, with following averages: 14.4, 17.3, 20.3, 22.8, and 40. Significant differences were observed in the embryonic development between the groups (p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

32

Influência da temperatura e umidade na biologia de Rhodnius neglectus Lent, 1954 em laboratório (Hemiptera, Reduviidae,Triatominae)/ Influence of the temperature and humidity on the biology of Rhodnius neglectus Lent, 1954 in laboratory conditions

Rocha, Dayse da Silva; Jurberg, José; Carcavallo, Rodolfo Ubaldo; Cunha, Vanda; Galvão, Cleber
2001-08-01

Resumo em português O objetivo do presente trabalho foi observar o desenvolvimento de R. neglectus em diferentes condições de temperatura e umidade. Três grupos foram formados:33/40 (33+/- 1ºC e 40% +/-5% UR), 33/70 (33+/- 1ºC e 70% +/-5% UR), e 28/70 (28+/- 1ºC e 70% +/-5% UR). Todos os grupos foram observados diariamente para avaliação do período de incubação dos ovos, período de desenvolvimento dos estádios ninfais, percentual de mortalidade por estádio, número de repastos (mais) realizados, e período de desenvolvimento da eclosão a muda imaginal. O desenvolvimento embrionário apresentou diferenças significativas em todos os tratamentos, o grupo 33/40 apresentou o menor período de incubação. O menor número de repastos foi observado no grupo 33/40 exceto para o primeiro estádio (grupo 28/70). O período de desenvolvimento ninfal foi significativamente reduzido no grupo 33/40; entretanto, o percentual de mortalidade deste grupo foi alto, e os insetos não conseguiram realizar a muda imaginal. Resumo em inglês The objective of the present paper was to study the development of R. neglectus in the laboratory under different conditions of temperature and humidity. Three groups were prepared: 33/40 (33+/- 1ºC and 40% +/-5% UR), 33/70 (33+/- 1ºC and 70% +/-5% UR), and 28/70 (28+/- 1ºC and 70% +/-5% UR). All these groups were observed daily to evaluate the eggs' incubation period, the development period of each instar nymph, the mortality rate of each stage, the frequency of feedi (mais) ng and the hatching - adult ecdysis period. The embryonic development showed significant differences between the treatment given, the group 33/40 presented the lowest incubation period. The lowest bloodmeals number was observed in the group 33/40 except for the first instar (group 28/70). The period of nymphal development was significantly reduced in the group 33/40, however, the mortality was high and the specimens did not reach the adult phase.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

33

Desenvolvimento e exigências térmicas de Orius insidiosus (Say) (Hemiptera, Anthocoridae)/ Development and thermal requirements of Orius insidiosus (Say) (Hemiptera: Anthocoridae)

Mendes, Simone Martins; Bueno, Vanda Helena Paes; Carvalho, Lívia Mendes
2005-12-01

Resumo em português A temperatura exerce grande influência no desenvolvimento dos insetos e o conhecimento desse aspecto é essencial para subsidiar o uso de inimigos naturais como agentes de controle biológico, bem como para a sua criação massal. O presente trabalho teve como objetivo avaliar o efeito de diferentes temperaturas no desenvolvimento de Orius insidiosus (Say, 1832), bem como as suas exigências térmicas. O experimento foi conduzido em câmaras climáticas, a 16, 19, 22, 25 (mais) , 28 e 31±1°C; UR de 70±10% e fotofase de 12 horas. Como alimento foram utilizados ovos de Anagasta kuehniella (Zeller, 1879). O período embrionário foi de 14,0; 8,9; 6,6; 4,8; 3,9 e 3,3 dias nas temperaturas de 16, 19, 22, 25, 28 e 31°C, respectivamente. Ninfas de todos os instares (independente do sexo que deram origem) foram influenciadas pela temperatura quanto ao seu desenvolvimento, com redução nesse período com o aumento da temperatura. Machos e fêmeas, na temperatura de 25°C, apresentaram um período de desenvolvimento em torno de 12 dias. A temperatura base da fase de ovo foi de 11,78°C e a da fase ninfal foi de 12,27°C e de 13,03°C, para machos e fêmeas, respectivamente. A constante térmica para a fase de ovo foi de 63,75 e para a fase de ninfa de 161,97 e 157,24 graus-dia, para machos e fêmeas, respectivamente. A temperatura de 25°C foi a mais adequada para o desenvolvimento de O. insidiosus. Resumo em inglês The temperature strongly influences the development time of insects and the understanding of this aspect for natural enemies is essential for its use as biocontrol agents and for mass rearing purpose. The objective of this work was evaluating the effect of different temperatures on the development time of Orius insidiosus (Say, 1832) as well as its thermal requirements. The trials were conducted in climatic chamber at 16, 19, 22, 25, 28 and 31 ±1°C; RH 70&plusm (mais) n;10% and photophase 12h. Eggs of Anagasta kuehniella (Zeller, 1879) were provided as food. The embryonic period was 14.0, 8.9, 6.6, 4.8, 3.9 and 3.3 days at 16, 19, 22, 25, 28 and 31°C, respectively. Nymphs of all instars (independent of originated sex) were affected by the temperature on their development time; there was a reduction of this period with the increase of the temperature. Males and females presented a development time about 12 days at 25°C. The developmental thresholds (To) for egg stage was estimated at 11.78°C, and for the nymphal phase were 12.27°C and 13.03°C for males and females, respectively. The thermal constants (K) for egg stage (63.75 day-degrees) and for nymphal stage were 161.97 and 157.24 day-degrees, for males and females, respectively. The temperature of 25°C was the most suitable for development time of O. insidiosus.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

34

Aspectos biológicos de Chrysoperla raimundoi Freitas & Penny (Neuroptera, Chrysopidae)/ Biological aspects of Chrysoperla raimundoi Freitas & Penny (Neuroptera, Chrysopidae)

Lavagnini, Taís Carmona; Freitas, Sérgio de; Bezerra, Antônio Lourenço
2009-12-01

Resumo em português Os crisopídeos são importantes predadores e são encontrados em diversos agroecossistemas. A temperatura é um dos fatores determinantes para o desenvolvimento dos insetos, sendo que existe um gradiente de variação aceitável para cada espécie. Portanto, objetivou-se com este estudo verificar a influência de diferentes temperaturas sobre o desenvolvimento embrionário e pós-embrionário de C. raimundoi assim como verificar as conseqüências nas diferentes geraçõ (mais) es. As fases jovens foram criadas em três ambientes com temperaturas constantes de 19,0, 25,0 e 31,0ºC e em um ambiente externo sem controle dos fatores abióticos. Foram observados a duração do período embrionário, do primeiro, segundo e terceiro ínstares, a duração do período larval, pupal e ovo-adulto, assim como, a sobrevivência em cada estágio, estádio e a porcentagem de emergência. O desenvolvimento embrionário e pós-embrionário diferiu entre as gerações F2 e F4. Quanto à influência de diferentes temperaturas para a geração F2, os indivíduos criados a 31,0ºC demonstraram redução na taxa de desenvolvimento com relação aos outros dois ambientes. Para a geração F4, observou-se que as diferentes temperaturas influenciaram no desenvolvimento, sendo que a 19,0ºC houve prolongamento do mesmo. Resumo em inglês The green lacewings are important predators and are found in several agroecosystems. The temperature is one of the decisive factors for the development of insects, and there is an acceptable variation gradient for each species. Therefore, the purpose of this study was not only to check the influence of different temperatures on the embryonic and post-embryonic development of Chrysoperla raimundoi, as well as check the consequences in the different generations. The immatur (mais) e stages were reared at four different environmental conditions, three of them with constant temperatures (19,0, 25,0 e 31,0ºC) and the fourth rearing place was external to the laboratory without control of the abiotic factors. The duration of the embryonic period, first, second and third larval instar, pupal stage, and from egg to adult were evaluated; also the survival rate of each instar and stage and the emergence rate were calculated. The embryonic and post embryonic development differed between the generations F2 and F4. Also, the influence of different temperatures for the generation F2 among individuals created at 31,0ºC showed reduction on the development rate regarding the other two environments. It was possible to observe that the generation F4 has its development influenced by different temperatures, and the 19,0ºC temperature prolonged its development.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

35

Desenvolvimento pré-imaginal de Eueides isabella dianasa (Hübner) (Lepidoptera, Nymphalidae, Heliconiinae) em folhas de Passiflora edulis L. (Passifloraceae)/ Preimaginal development of Eueides isabella dianasa (Hübner) (Lepidoptera, Nymphalidae, Heliconiinae) on leaves of Passiflora edulis L. (Passifloraceae)

Barros, Wagner Ricardo Santos; Lima, Iracilda Maria de Moura
2004-03-01

Resumo em português Lagartas de Eueides isabella dianasa (Hübner, 1806) estão entre os insetos fitófagos que ocorrem em P. edulis. Para esse estudo, foram coletados ovos logo após a oviposição, sendo feitas observações diárias para o registro de eclosão, ecdises (confirmadas pelas cápsulas cefálicas), pupação e emergência de adultos. A viabilidade de ovos foi de 94,9%. O período embrionário observado (em dias ± erro padrão da média) foi de 4,25 ± 0,18. O período larval (mais) de 16,9 ± 0.34 dias apresentou cinco ínstares: 2,75 ± 0,2; 2,8 ± 0,2; 3,0 ± 0,1; 3,6 ± 0,2 e 4,6 ± 0,15. O período larval ativo foi de 15,83 ± 0,34 dias, seguido por um período prepupal e pupal de, respectivamente, de 7,42 ± 0,15 (período inativo dentro do desenvolvimento pós-embrionário de 8,4 ± 0,15). O desenvolvimento pós-embrionário foi de 24,25 ± 0,37. A duração do desenvolvimento pré-imaginal de 28,5 ± 0,4 pode ser considerada curta entre os lepidópteros. A duração relativa foi de 14,9% para o período embrionário e de 85,9% para o pós-embironário. O uso do tempo durante o período pós-embrionário foi de 11,3%; 11,7%; 12,4%; 14,8%; 18,9% e 30,6% respectivamente como L1, L2, L3, L4, L5 e pupa. O período larval representou 65,3% enquanto o período inativo (prepupa + pupa) 34,7%. A sobrevivência no final do desenvolvimento, considerando o período de ovo, foi de 27,5% e, considerando o período pós-embrionário, 30,0%, tendo sido mais evidente no quinto ínstar e no período pupal com 63,0% e 64,7%, respectivamente. Este é o primeiro registro de Eueides isabella dianasa no Estado de Alagoas, Brasil. Resumo em inglês The preimaginal development of Eueides isabella dianasa (Hübner, 1806) feeding on leaves of P.edulis was studied under laboratory conditions. The eggs were collected soon after oviposition. Eclosion, and ecdisys (confirmed by the cephalic capsules), pupation and adult emergence were registered daily. The egg viability was 94.9%. The embryonic period (in days ± average standard error) was 4.25 ± 0.18. The 16.9 ± 0.34 larval period has five instars: 2.75 ± 0.2; 2.8 ± (mais) 0.2; 3.0 ± 0.1; 3.6 ± 0.2 and 4.6 ± 0.15. The active larval period was 15.83± 0.34, followed by an one day prepupal period and a pupal instar of 7.42 ± 0.15 (8.4 ± 0.15 inactive period of the post-embryonic development). The post-embryonic development was 24.25 ± 0.37. The total pre-imaginal period was 28.5 ± 0.44 long and may be considered short. The relative duration was 14.9% for the embryonic period and 85.9% for the post-embryonic. The use of the time in the post-embryonic development was 11.3%, 11.7%, 12.4%, 14.8%, 18.9%, 30.6% respectively for L1, L2, L3, L4, L5 and pupa. The larval period represented 65.3% while the inative (prepupa + pupa) 34.7%. The survival at the end of the development, considering the egg period, was 27.5% and considering the post-embryonic period, 30,0%. It was more evident on the 5th instar and at the pupal period, with 63.0% and 64.7%, respectively. This is the first record of Eueides isabella dianasa for the State of Alagoas, Brazil.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

36

Exigências térmicas de estágios imaturos de Galleria mellonella L. (Lepidoptera: Pyralidae)/ Thermal requirements of Galleria mellonella L. (Lepidoptera: Pyralidae) immature stages

Cardoso, Aline C.; Prata, Márcia C. de A.; Furlong, John; Prezoto, Fábio
2007-10-01

Resumo em português A criação de Galleria mellonella L. em laboratório é de grande importância para a multiplicação de nematóides entomopatogênicos, fundamental para estudos de controle biológico. O objetivo deste estudo foi verificar o efeito de três diferentes condições térmicas sobre os estágios imaturos desse inseto, possibilitando a sincronização de sua produção. Foram empregadas duas etapas na criação, utilizando núcleo de incubação para desenvolvimento dos ovos (mais) e recipientes circulares de alumínio para desenvolvimento de larvas e pupas. A duração dos estágios imaturos foi inversamente proporcional à temperatura em todos os bioensaios executados. Os períodos de incubação foram de 13,4 dias a 22ºC, 8,3 a 27ºC e 6,8 a 32ºC. Para os períodos de desenvolvimento larval foram obtidos valores de 40,4, 27,2 e 23,4 dias, sob as mesmas temperaturas. O desenvolvimento pupal realizou-se em 18,2, 15,0 e 12,2 dias, na mesma ordem de temperatura. A maior sobrevivência para o estágio larval ocorreu a 32ºC; no entanto, para os estágios embrionário e pupal, as maiores sobrevivências foram registradas a 27ºC e 22ºC, respectivamente. A temperatura base para a espécie foi de 11,209167ºC para o desenvolvimento embrionário, 7,695869ºC para o estágio larval e 1,943050ºC para o pupal. As constantes térmicas foram 138,380533 GD (graus dia) para o estágio de ovo, 554,968830 GD, para larva e 369,054080 GD para pupa. Resumo em inglês The rearing of Galleria mellonella L. in laboratory is important for multiplication of entomopathogenic nematodes, mandatory for biological control studies. The objective of this study was to evaluate the effect of three thermal profiles on development stages of this insect, allowing synchronization of cycle production. Two distinct rearing phases were done: firstly, using nucleous of incubation for development of eggs and, secondly, using circular-aluminum manifolds for (mais) development of larvae and pupae. The time necessary for development of the immature stages decreased with higher temperatures. Incubation periods lasted 13.4 days at 22ºC, 8.3 at 27ºC and 6.8 days at 32ºC, while periods for larvae development lasted 40.4, 27.2, and 23.4 days, respectively, for the same temperatures. Development to pupal stage was observed 18.2, 15.0, and 12.2 days, respectively, for the same temperatures. Larval survival was higher at 32ºC, however embryonic stages and pupae survival were higher at 27ºC. and 22ºC, respectively. The threshold temperature was 11.209167ºC for the embryonic development stage, 7.695869ºC for larval stage, and 1.943050ºC for pupal stage of G. mellonella. Thermal constants were 138.380533 DG (degree day) for egg, 554.968830 DG for larvae, and 369.054080 DG for pupae.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

37

Desenvolvimento larval de Macrobrachium birai Lobão, Melo & Fernandes (Crustacea, Decapoda, Caridea, Palaemonidae) em laboratório/ Larval development of Macrobrachium birai Lobão, Melo & Fernandes (Decapoda, Caridea, Palaemonidae), under laboratory conditions

Melo, Sonia Graça; Brossi-Garcia, Ana Luiza
2005-03-01

Resumo em português Macrobrachium birai Lobão, Melo & Fernandes, 1986, espécie de camarão de água doce do Brasil, foi capturada no Rio Branco, Cananéia, Estado de São Paulo, Brasil. No início do desenvolvimento embrionário os ovos têm cor verde oliva e tamanho médio de 0,60 x 0,43 mm. As larvas foram criadas, individualmente, a temperatura média de 25ºC. O desenvolvimento larval de Macrobrachium birai é do tipo prolongado, constituído de 15 estágios morfológicos de zoea e o d (mais) ecapodito. A metamorfose foi atingida em 144 dias de cultivo, através de 44 ecdises. As mudas ocorreram em intervalos de dois a oito dias e em média com 3,3 dias. As larvas de M. birai possuem algumas características morfológicas que podem diferenciá-las das larvas de M. olfersii (Wiegmann, 1836). Resumo em inglês Macrobrachium birai Lobão, Melo & Fernandes, 1986, a native Brazilian species of freshwater shrimp, was captured along the coast of Rio Branco, Cananéia, state of São Paulo, Brazil. The eggs in early development were green and the average size was 0.60 x 0.43 mm. The larvae were reared in laboratory at average temperature of 25ºC. Macrobrachium birai has a prolonged larval development, with 15 morphological zoeal stages and the decapodito. The metamorphose was obtaine (mais) d in 144 days, through about 44 ecdysis. The molts occurred from two to eight days, in average of 3.3 days. The larvae of the M. birai present some morphological characteristics distinct from that of M. olfersii (Wiegmann, 1836).

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

38

Efeito da temperatura sobre o desenvolvimento de Scymnus (Pullus) argentinicus (Coleoptera: Coccinellidae)/ Effects of temperature on the development of Scymnus (Pullus) argentinicus (Coleoptera: Coccinellidae)

Santos, Terezinha Monteiro dos; Bueno, Vanda Helena Paes
1999-06-01

Resumo em português Estudou-se a biologia de Scymnus (Pullus) argentinicus Weise sobre a presa Schizaphis graminum a 20, 25 e 30ºC. As temperaturas de 25 e 30ºC foram favoráveis ao desenvolvimento de S. (Pullus) argentinicus. O período embrionário médio foi de 3,24 dias e o estádio larval de 8,43 dias a 25ºC. A duração média dos ínstares e os períodos pré-pupal e pupal foram significativamente menores a 25 e 30ºC. O percentual de adultos emergidos foi maior a 30ºC (98%) ao passo que a 20ºC houve 82% de emergência. Resumo em inglês The biology of Scymnus (Pullus) argentinicus Weise on Schizaphis graminum at the temperatures 20, 25 and 30ºC was studied. The temperatures of 25 and 30ºC were favorable to S. (Pullus) argentinicus development. The average of the incubation period was 3.24 days and the larval development was 8.43 days at 25ºC. The duration of the instars and pre-pupal and pupal periods was significantly shorter at 25 and 30ºC. The percentage of emerging adults was higher at 30ºC (98%) while at 20ºC this percentual was 82%.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

39

Morfologia e desenvolvimento ultraestrutural do sistema renal de embriões bovinos com idade gestacional entre 10 e 50 dias/ Morphology and ultrastructural development of renal system in bovine embryos with gestational age between 10 and 50 days

Cagnoto, Daniela Gomes; Guerra, Ricardo Romão; Alberto, Miryan Vila; Ambrósio, Carlos Eduardo; Santos, José Manuel; Miglino, Maria Angélica
2009-10-01

Resumo em português O presente estudo teve como objetivo descrever o desenvolvimento dos sistemas renais de bovinos durante o período embrionário compreendido entre 10 e 50 dias. Embriões bovinos coletados em frigorífico foram fotografados e medidos utilizando-se o método Crow-Rump (CR) para estimar a idade gestacional. Os embriões destinados à miscroscopia óptica foram fixados em solução de Bouin para a avaliação do desenvolvimento do sistema renal, assim como suas estruturas. A (mais) lguns embriões também foram fixados em Glutaraldeído 2,5% e destinados à microscopia eletrônica de transmissão para o estudo ultraestrutural das células do sistema renal. Embriões entre o 14° e o 15° dia de desenvolvimento (E14-15) não apresentaram pronefro, mas apresentaram mesonefro, assim como indícios morfológicos que indicam sua atividade funcional. O mesonefro apresentou, no interior de suas células tubulares, inúmeras mitocôndrias e interdigitações, indicando uma alta atividade de transporte iônico. O metanefro, ou rim definitivo, iniciou seu desenvolvimento em E23-24. Os achados emonstram que a involução do mesonefro acontece simultaneamente com a diferenciação metanefrogênica. Em E45-46, já iniciando a fase fetal, o metanefro possuiu unidades filtradoras (néfrons), com seus respectivos glomérulos, túbulos contorcidos proximais e distais e alça de Henle. Nessa fase, o rim ainda não apresenta lobação externa. Resumo em inglês The aim of this study was to describe the bovine renal system development, during the early embryonic period (10-50 days). Bovine embryos collected in abattoir were photographed and measured by Crow-Rump (CR) method to estimate the gestational age. The embryos destined to optical microscopy were fixed in Bouin solution for development evaluations of renal system, as well as its structures. Some embryos also were fixed in Glutaraldeheyde 2.5% and destined to transmission e (mais) lectron microscopy for ultrastructural study of renal system cells. In bovine embryos with gestational age of 14 to 15 days (E14-15) the presence of pronephro were not observed, however the mesonephro was found, as well as morphologic indications of it is functional activity. Mesonephro presented, in the interior of its tubular cells, innumerable mitochondrias and interdigitations, indicating high activity of ionic transportation. The metanephro, or definitive kidney, initiates its development in E23-24. The study demonstrated that the involution of mesonephro happened simultaneously with the metanephrogenic differentiation. In E45-46, the embryos already initiated the fetal phase, and the metanephro possess the filter units (nephrons), with its respective glomeruli, proximal and distal convoluted tubules, and the loop of Henle.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

40

Efeito do citrato e taurina em meio CR2aa no desenvolvimento de embriões bovinos fecundados in vitro/ Effect of citrate and taurine added to CR2aa medium on the development of in vitro-fertilized bovine embryos

Camargo, L.S.A.; Sá, W.F.; Viana, J.H.M.; Ramos, A.A.; Ferreira, A.M.
2009-02-01

Resumo em português Avaliou-se o efeito do citrato em meio CR2aa suplementado com soro fetal bovino (SFB) ou livre de proteínas séricas e sua associação com taurina no desenvolvimento de embriões bovinos fecundados in vitro. Embriões foram cultivados em CR2aa contendo 0, 0,5, 1,0 e 3,0mM citrato, suplementado com 10% SFB (experimento 1) ou com álcool polivinil (PVA; experimento 2). No terceiro experimento, embriões foram cultivados em meio com 0,5mM citrato, ou 7mM taurina, ou com a (mais) associação de ambos, suplementado com SFB. Os cultivos foram realizados com células do cumulus em ambiente a 38,8ºC com 5% de CO2 em ar atmosférico. Melhora no desenvolvimento embrionário foi observado no cultivo de embriões em CR2aa com 0,5 e 1,0mM citrato na ausência de SFB (P0,05) a produção de embriões ou o número de células. Citrato em meio CR2aa pode ser uma alternativa para cultivo embrionário em condições atmosféricas com 5% de CO2 em ar na ausência de proteína sérica. Resumo em inglês The effect of citrate added to CR2aa medium supplemented with fetal calf serum (FCS) or serum-proteinfree and its association with taurine on the development of in vitro-fertilized bovine embryos was evaluated. Embryos were cultured with 0, 0.5, 1.0, and 3.0mM citrate, in CR2aa supplemented with 10% FCS (experiment 1), or polyvinyl alcohol (PVA; experiment 2). In experiment 3, embryos were cultured with 0.5mM citrate, 7.0mM taurine or with association of both, in medium s (mais) upplemented with FCS. Embryo culture was performed with cumulus cells at 38.8ºC in 5% CO2 under air for all experiments. Positive effect on embryo development was only observed with 0.5 and 1.0mM citrate in FCS-free CR2aa (P0.05) embryo rate nor total cell number. Citrate in CR2aa medium can be an alternative for serumfree embryo culture under 5% CO2 in air, absence of serum protein.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

41

Phyllocnistis citrella Stainton (Lepidoptera: Gracillariidae): técnica de criação e biologia em diferentes temperaturas/ Phyllocnistis citrella stainton (Lepidoptera: Gracillariidae): rearing technique and biology at different temperatures

Chagas, Marcone C.M.; Parra, José R.P.
2000-06-01

Resumo em português Desenvolveu-se uma técnica de criação do minador-dos-citros, Phyllocnistis citrella Stainton, bem como avaliou-se o efeito de sete temperaturas (18, 20, 22, 25, 28, 30 e 32 ± 1°C), nas condições de 60 ± 10% UR e fotofase de 14 h, sobre as fases imaturas da praga, a fim de se obterem subsídios para a criação desse inseto e de seus inimigos naturais de forma contínua em laboratório. A metodologia desenvolvida, utilizando-se plantas de limão-cravo (Citrus limon (mais) ia, L. Osbeck) cultivadas em tubetes como hospedeiro de P. citrella, mostrou-se adequada à criação contínua do inseto em laboratório. Pode também ser adaptada para produção de inimigos naturais, uma vez que é possível sincronizar as produções da praga (hospedeiro) e dos inimigos naturais, lançando-se mão das variações de desenvolvimento da praga em função das temperaturas estudadas. As condições térmicas adequadas ao desenvolvimento de P. citrella variaram com o seu estágio, sendo a temperatura de 30ºC favorável ao desenvolvimento embrionário, e a de 32ºC, a mais adequada para as fases larval e pupal. Resumo em inglês This research deals with a rearing technique for the citrus leafminer, Phyllocnistis citrella Stainton, as well as the evaluation of the effect of seven temperatures (18, 20, 22, 25, 28, 30 and 32 ± 1ºC) in laboratory conditions (60 ± 10% RH, 14 h photofase) on the insect immature stages. Young plants of Citrus limonia L. Osbeck used as hosts for P. citrella were suitable for the continuous rearing of this insect in the laboratory, and also for the production of its na (mais) tural enemies, because it is possible to synchronize the production of both ones by varying the pest development according to the different temperatures The best temperature for egg development is 30ºC, while the best one for the larval and pupal stages is 32ºC.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

42

Efeito do número da passagem e do gênero das células doadoras de núcleo no desenvolvimento de bovinos produzidos por transferência nuclear/ Effect of culture time and gender of nuclei donor cells on bovine development produced by nuclear transfer

Merighe, Giovana Krempel Fonseca; Miranda, Moysés dos Santos; Bem, Tiago Henrique Câmara de; Watanabe, Yeda Fumie; Meirelles, Flávio Vieira
2010-10-01

Resumo em português Objetivou-se com este trabalho avaliar o efeito do número da passagem e do sexo das células doadoras de núcleo no desenvolvimento embrionário e fetal após transferência nuclear. Para isso, oócitos bovinos foram maturados, enucleados e reconstruídos com células somáticas de animal adulto. Após a fusão e ativação química, os zigotos reconstituídos foram cultivados em Charles Rosenkranz 2 (CR2) com monocamada de células da granulosa a 38,8ºC em atmosfera um (mais) idificada a 5% de CO2 em ar, durante sete dias, e transferidos para receptoras sincronizadas. As taxas de clivagem e desenvolvimento a blastocisto de embriões reconstruídos com células cultivadas por tempo maior foram inferiores às obtidas com os demais tempos de cultivo. Além disso, os blastocistos produzidos não resultaram no desenvolvimento de uma gestação a termo. Embora a taxa de clivagem em embriões fêmeas tenha sido maior, o número de embriões que atingiram o estádio de blastocisto foi maior nos embriões machos. No período gestacional, fêmeas apresentaram maior taxa de aborto entre 90 e 120 dias de gestação. Esses resultados indicam que células doadoras de núcleos cultivados por longos períodos dificultam a produção de blastocistos e aumentam as chances de perdas durante a gestação. Embriões clonados machos têm maior competência para se desenvolver a blastocisto e resultam em menor taxa de perda gestacional. Resumo em inglês The objective of this study was to evaluate the effects of culture time and sex of nuclei donor cells on embryo and fetal development after nuclear transfer. Thus, bovine oocytes were matured, enucleated and reconstructed with somatic cells from an adult animal. After fusion and chemical activation, the reconstituted zygotes were cultured in Charles Rosenkranz 2 (CR2) on a granular monolayer cell at 38.8ºC in a humidified atmosphere 5% CO2 in air for seven days, and tran (mais) sferred to synchronized receptors. Cleavage rates and development to blastocyst of embryo reconstructed with cells cultured for a longer time were lower than rates obtained with other culture times. Moreover, these produced blastocysts did not result in the development of full term pregnancy. Although cleavage rates were higher in female embryos, the number of embryos that reached blastocyst stage was higher in male embryos. During gestation period, females showed higher abortion rates from 90 to 120 days of gestation. These results indicate that cells donnors of nuclei cultured for long periods make the production of blastocysts difficult and increase the chances of losses during pregnancy. Cloned male embryos are more succesful in becoming blastocysts and result in lower gestational loss rate.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

43

Alguns aspectos da biologia de Biomphalaria glabrata (Say, 1818) e Biomphalaria tenagophila (D'Orbigny, 1835) (Pulmonata, Planorbidae): I - Duração do período embrionário/ Some angles of the biology of Biomphalaria glabrata (Say, 1818) and Biomphalaria tenagophila (D'Orbigny, 1835) (Pulmonata, Planorbidae): I. Duration of the embryo period

Kawazoe, Urara
1976-03-01

Resumo em português Foram realizadas observações sobre a duração do período embrionário de Biomphalaria glabrata e Biomphalaria tenagophila, durante um ano, em condições de laboratório. As médias, expressas em dias, encontradas para Biomphalaria glabrata e Biomphalaria tenagophila foram respectivamente de 7,6 e 8,0 dias. Essas diferenças não foram significativas ao nível de 5%. O desenvolvimento mais rápido dos embriões até a eclosão verificou-se na estação quente, em amba (mais) s as espécies, quando a temperatura média da água foi de aproximadamente 28°C. Após a análise da matriz de correlação verificou-se que a influência da temperatura sobre o tempo de desenvolvimento embrionário foi pouco intensa: Biomphalaria glabrata apresentou maior correlação com a temperatura mínima do ambiente (36,2%) e com a temperatura da água (36,0%) enquanto Biomphalaria tenagophila apresentou maior correlação com a temperatura mínima do ambiente (27,0%). Resumo em inglês The incubation periods of Biomphalaria glabrata and Biomphalaria tenagophila were compared during one year, in the laboratory. The average time for eggs hatching was 7,6 and 8,0 days for Biomphalaria glabrata and Biomphalaria tenagophila, respectively; the difference was not significant at the 5% level. The fastest development of the eggs was verified in the summer when the average water temperature was approximately 28°C. The analysis of the correlation coeficient sh (mais) owed that the influence of temperature on the egg development period was not strong: Biomphalaria glabrata showed best correlation with minimum air temperature (36,2%) and with water temperature (36,0%), while Biomphalaria tenagophila correlated best with minimum air temperature (27,0%).

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

44

Alguns aspectos da biologia de Biomphalaria glabrata (Say, 1818) e Biomphalaria tenagophila (D'Orbigny, 1835) (Pulmonata, Planorbidae): I - Duração do período embrionário/ Some angles of the biology of Biomphalaria glabrata (Say, 1818) and Biomphalaria tenagophila (D'Orbigny, 1835) (Pulmonata, Planorbidae): I. Duration of the embryo period

Kawazoe, Urara
1976-03-01

Resumo em português Foram realizadas observações sobre a duração do período embrionário de Biomphalaria glabrata e Biomphalaria tenagophila, durante um ano, em condições de laboratório. As médias, expressas em dias, encontradas para Biomphalaria glabrata e Biomphalaria tenagophila foram respectivamente de 7,6 e 8,0 dias. Essas diferenças não foram significativas ao nível de 5%. O desenvolvimento mais rápido dos embriões até a eclosão verificou-se na estação quente, em amba (mais) s as espécies, quando a temperatura média da água foi de aproximadamente 28°C. Após a análise da matriz de correlação verificou-se que a influência da temperatura sobre o tempo de desenvolvimento embrionário foi pouco intensa: Biomphalaria glabrata apresentou maior correlação com a temperatura mínima do ambiente (36,2%) e com a temperatura da água (36,0%) enquanto Biomphalaria tenagophila apresentou maior correlação com a temperatura mínima do ambiente (27,0%). Resumo em inglês The incubation periods of Biomphalaria glabrata and Biomphalaria tenagophila were compared during one year, in the laboratory. The average time for eggs hatching was 7,6 and 8,0 days for Biomphalaria glabrata and Biomphalaria tenagophila, respectively; the difference was not significant at the 5% level. The fastest development of the eggs was verified in the summer when the average water temperature was approximately 28°C. The analysis of the correlation coeficient sh (mais) owed that the influence of temperature on the egg development period was not strong: Biomphalaria glabrata showed best correlation with minimum air temperature (36,2%) and with water temperature (36,0%), while Biomphalaria tenagophila correlated best with minimum air temperature (27,0%).

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

45

Aspectos biológicos do período embrionário dos curculionídeos-das-raízes dos citros/ Biological characteristics of the egg phase of citrus root weevils

Guedes, Jerson V.C.; Parra, José R.P.
2007-04-01

Resumo em português O objetivo deste trabalho foi estudar algumas características da fase de ovo de três espécies de curculionídeos-das-raízes dos citros. Os insetos foram coletados em citros em Itapetininga, SP, levados ao Laboratório de Biologia de Insetos da ESALQ/USP, em Piracicaba, SP, onde foram mantidas as espécies numericamente mais importantes: Naupactus cervinus (Boheman), Naupactus versatilis (Hustache) e Parapantomorus fluctuosus (Boheman). Dessas espécies foi avaliada du (mais) ração e a viabilidade da fase de ovo e calculados o limite térmico inferior de desenvolvimento (Tb) e a constante térmica (K). As espécies de curculionídeos-das-raízes dos citros apresentaram diferenças quanto à fase de ovo. O período embrionário, variou de 40,4 a 18,6 dias para N. cervinus, 38,7 a 20,0 dias para N. versatilis e 35,0 a 13,8 dias P. fluctuosus, dependendo da temperatura. Os limiares térmicos inferiores de desenvolvimento foram de 8,1; 8,3 e 9,9ºC com constante térmica 385,7; 397,7 e 294,1 graus dia (GD), respectivamente para N. cervinus, N. versatilis e P. fluctuosus. A duração da fase de ovo foi muito semelhante para N. cervinus e N. versatilis, nas mesmas temperaturas e P. fluctuosus, apresentou desenvolvimento mais rápido do que Naupactus spp., em todas as temperaturas testadas. Resumo em inglês The goal of this work was to study some characteristics of the egg phase of three species of citrus root weevils. The insects were collected from citrus plants in Itapetininga, SP, and brought to the Laboratório de Biologia de Insetos of ESALQ/USP, in Piracicaba, SP, where the species Naupactus cervinus (Boheman), Naupactus versatilis (Hustache) and Parapantomorus fluctuosus (Boheman) were kept. Duration and viability of the egg phase were evaluated, and the lower temper (mais) ature threshold and thermal constant (K) were calculated for these species. The species of citrus root weevils showed different duration of egg phases. The egg phase ranged from 40.4 to 13.8 N. cervinus, from 38.7 to 20.0 days for N. versatilis, and from 35.0 to 13.8 days for P. fluctuosus, depending upon temperature. The temperature thresholds of this stage were 8.1, 8.3, and 9.9ºC at thermal constant was 385.7, 397.7 and 294.1 degree-days, for N. cervinus, N. versatilis and P. fluctuosus respectively. The duration of the egg phases of N. cervinus and N. versatilis were similar at the same temperatures and P. fluctuosus had a faster development than Naupactus spp. in all temperatures tested.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

46

Influência da fase embrionária dos ovos da traça-das-crucíferas sobre fêmeas de Trichogramma pretiosum com diferentes idades/ Influence of diamondback moth embrionary egg stage on Trichogramma pretiosum females of different ages

Pratissoli, Dirceu; Polanczyk, Ricardo Antonio; Pereira, Cácia Leila Tigre; Furtado, Idana Soraya de Andrade; Cocheto, Juliéder Goronci
2007-06-01

Resumo em português Plutella xylostella é considerada a praga mais importante das crucíferas. O método de controle mais utilizado para essa praga é o químico. Contudo, esta espécie de inseto vem desenvolvendo resistência aos inseticidas aplicados. O controle biológico com espécies do gênero Trichogramma é considerado uma alternativa no controle dessa praga. Porém, poucos são os trabalhos que mencionam aspectos biológicos desse parasitóide sobre esta praga. Neste trabalho avali (mais) ou-se a influência da fase embrionária dos ovos do hospedeiro P. xylostella sobre fêmeas de T. pretiosum com diferentes idades. Fêmeas do parasitóide foram divididas em cinco lotes, compostos por espécimes recém-emergidos com 24; 48; 72 e 96 horas de idade. Cada lote continha dez fêmeas de T. pretiosum. Para cada fêmea de cada lote, foi oferecida uma cartela contendo 30 ovos de P. xylostella com um, dois e três dias de idade. As maiores taxas de parasitismo foram observadas em fêmeas com idade superior a 48 horas, independente do desenvolvimento embrionário do hospedeiro. Em ovos com três dias de desenvolvimento embrionário verificou-se que, para fêmeas recém-emergidas e com 48 horas de idade, a taxa de viabilidade foi superior apenas em relação àquelas com 96 horas de idade. Ao se avaliar os descendentes de T. pretiosum provenientes de ovos com um dia de desenvolvimento embrionário, verificou-se que os maiores valores de longevidade foram obtidos quando as fêmeas desse parasitóide eram recém-emergidas. Resumo em inglês Plutella xylostella is one of the most important pests of Cruciferae. Chemicals have been used to control this insect, but the rapid development of resistance is a serious constraint to this method. Biological control with Trichogramma species has been reported as an alternative to control diamondback moth. However few works report biological parameters of this parasitoid interacting with this pest. This work was carried out to evaluate the influence of egg embryonary sta (mais) ge of P. xylostella on T. pretiosum females at different ages. Females of this parasitoid were organized in five groups. These groups were composed of females just emerged, 24 h; 48 h; 72 h, and 96 hours-old. Each group was formed of ten females. Each female received a card with thirty P. xylostella eggs, one, two and three day-old. Higher parasitism rates were observed with females older than 48 hours, with no influence of host embryonic development. In three day-old eggs it was verified that just emerged females and 48 hour-old, the viability index was superior just to those 96 hour-old. The progeny with one day of embryonary development, presented higher longevity values with just emerged females.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

47

Desempenho de diferentes estádios embrionários no cultivo in vitro de embriões de 'Pêra Rio' x 'Poncã'/ Perfomance of different embryo stage of sweet orange x mandarin cultivated in vitro

Chagas, Edvan Alves; Pasqual, Moacir; Dutra, Leonardo Ferreira; Silva, Adriano Bortolotti da; Cazetta, Jairo Osvaldo; Santos, Flávia Carvalho; Cardoso, Pollyana
2003-12-01

Resumo em português Objetivou-se verificar qual o melhor estádio embrionário para o cultivo de embriões imaturos oriundos de frutos provenientes de hibridação entre 'Pêra Rio' x 'Poncã' , bem como o efeito de diferentes concentrações do meio de cultura MT. Os embriões em diferentes estádios de desenvolvimento (globulares, torpedo e cordiforme) foram excisados e inoculados em tubos de ensaio contendo 15 mL do meio MT com diferentes concentrações (0; 50; 100 e 150% da composição (mais) original e acrescido de 50 g.L-1 de sacarose). Após a inoculação, os embriões foram incubados à 27±1ºC, fotoperíodo de 16 horas e irradiância de 32 mmol.m-2.s-1. Após 90 dias, avaliou-se o comprimento da parte aérea e do sistema radicular, massa fresca e número de folhas das plântulas. Melhor desenvolvimento dos embriões imaturos foi obtido em estádio cotiledonar e com a concentração de 150% do meio MT. Resumo em inglês Embryos obtained from Citrus sinensis Osbeck 'Pêra Rio' x Citrus reticulata Blanco 'Poncã' crossings were excised in diverse phases of development and cultivated in different medium concentrations. Embryos in globular, torped and cotiledonary stage were excised and inoculated individually in test tubes with 15 mL in distinct MT medium concentrations (0; 50; 100 and 150% of original composition and added sucrose (50 g.L-1). After inoculation, the embryos were maintained (mais) in growth room at 27±1ºC, 16 hour photoperiod and 32 umol.m-2.s-1 irradiance. After 90 days, the length of the aerial part and roots system, fresh mass and number of leaves, were evaluated. The best results were obtained by incubating embryos in the cotiledonary stage, in MT medium with concentrations of 150%.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

48

Alterações nas atividades das enzimas alfa-galactosidase e poligalacturonase e nas reservas de carboidratos de sementes de Schizolobium parahyba (vell.) Blake (guapuruvú) durante a germinação/ Changes in the activities of alpha-galactosidase and polygalacturonase enzymes and carbohydrate reserves during germination of Schizolobium parahyba (vell.) Blake seeds

Magalhães, Simone Rodrigues de; Borges, Eduardo Euclydes de Lima e; Berger, Ana Paula Aguiar
2009-01-01

Resumo em português A retomada do metabolismo do embrião durante a germinação é realizada por processos metabólicos que culminam na protrusão da radícula e no fornecimento de energia para o desenvolvimento inicial da plântula. O objetivo deste trabalho foi estudar as variações nas atividades das enzimas alfa-galactosidase e poligalacturonase e nas reservas de mono e oligossacarídeos em sementes de guapuruvú durante a germinação. Para tanto, as sementes foram colocadas para germ (mais) inar e as reservas do eixo embrionário e cotilédones, avaliadas periodicamente. Os teores de galactose no eixo embrionário diferiram significativamente somente entre a testemunha e o oitavo dia, muito embora houvesse aumento contínuo até o quarto dia. Somente no sexto dia de germinação houve aumento no teor de galactose nos cotilédones. Houve tendência de aumento nos teores de arabinose, manose e glicose no eixo embrionário, não sendo detectada a presença de xilose no oitavo dia. Nos cotilédones os mesmos açúcares não foram originalmente detectados no tempo zero, mas apresentaram valores mais altos nas amostras do oitavo dia. Os teores de galactose oscilam tanto no eixo embrionário, quanto nos cotilédones durante o período de germinação de sementes de guapuruvu. Os teores de sacarose aumentam e os de rafinose decrescem nos cotilédones e no eixo embrionário. Os teores de estaquiose permanecem aproximadamente estáveis no eixo e nos cotilédones, com decréscimo no eixo, no oitavo dia. A enzima alfa-galactosidase é pré-formada, tendo clara redução na sua atividade específica, no segundo dia, permanecendo constante até o oitavo. A atividade nos cotilédones apresenta aumento no quarto dia, decrescendo posteriormente. A enzima polygalacturonase é tambem pré-formada, com maior atividade inicial no eixo. A atividade nos cotilédones aumenta até o sexto dia, alcançando maiores valores que o do eixo embrionário e, em seguida, decresce para valores menores do que aqueles. Resumo em inglês The restart metabolism of the embryo during germination is carried out by metabolic processes that culminate in root protrusion and energy supply for the initial seedling development. Thus, the objective of this study was to investigate changes in the activity of the polygalacturonase and alpha-galactosidase enzymes and the mono and oligosaccharides reserves during germination of Schizolobium parahyba seeds. Seeds were placed in petri dishes to germinate and samples were (mais) removed periodically for analyses. The galactose levels in the embryonic axis differed significantly only between the treatment control and the eighth day sample, although continuous increase occurred until the fourth day. There was an increase in the amount of galactose in the cotyledons only on the sixth day of germination; on other days the values were similar. Levels of arabinose, mannose and glucose tended to increase in the embryonic axis and the presence of xylose was not detected on the eighth day. The same sugars were not originally detected at time zero in the cotyledons, but other samples presented their highest values on the eighth day. The sucrose levels increased in the axis and cotyledons, while those of raffinose decreased in both. The stachiose concentration remained relatively constant in the axis and cotyledons until the sixth day and then decreased in the axis on the eighth day. The enzyme alpha-galactosidase was pre-formed and was reduced in its specific activity as of the second day and remaining constant until the eighth day. Activity in cotyledons varied throughout the analysis period. Polygalacturonase was also a pre-formed enzyme, with most of its activity in the axis. The activity in the cotyledons increased until the sixth day, reaching larger values than those of the axis, and then decreased to values below that observed in the axis.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

49

Estagiamento de embriões de Macrobrachium olfersi (Wiegman) (Crustacea, Palaemonidae) através de critérios morfológicos nos dias embrionários/ Macrobrachium olfersi (Wiegman) (Crustacea, Palaemonidae) embryo staging through morphological landmarks identified in each embryonic day

Simões-Costa, Marcos S.; Pacheco, Cristiane; Nazari, Evelise M.; Müller, Yara M. R.; Ammar, Dib
2005-06-01

Resumo em português Em embriões de Macrobrachium olfersi (Wiegman, 1836) foram analisadas as características morfológicas bem como o dia do desenvolvimento em que estas características surgiram. Machos e fêmeas de M. olfersi foram coletados na Ilha de Santa Catarina e colocados em aquários de água doce, na temperatura de 26°C e ciclo escuro e claro de 10:14 horas. Fêmeas ovígeras foram monitoradas diariamente para retirada de uma amostra de 20 ovos da câmara incubadora. O desen (mais) volvimento embrionário foi caracterizado através do sistema de estagiamento diário. Embriões vivos e fixados foram analisados (48x) em intervalos de 24 horas (dia embrionário). O índice do olho foi calculado em cada dia embrionário, a partir do aparecimento da pigmentação no olho. O desenvolvimento de M. olfersi foi caracterizado em 14 dias embrionários (E), onde entre E1 a E4 ocorreu a clivagem, gastrulação, disco germinativo e organização do nauplius embrionizado. Nos dias subseqüentes foi caracterizado o crescimento do nauplius embrionizado bem como a formação e encurvamento do pós-nauplius. Em E7 observou-se a pigmentação no olho, seguida do início dos batimentos cardíacos em E8. Entre E9 e E14, ocorreu de forma mais intensa o processo de organogênese, principalmente dos sistemas nervoso, cardiovascular e digestivo. O estagiamento diário do desenvolvimento de M. olfersi permitiu o reconhecimento de diferentes formas embrionárias, bem como de ritmos de crescimento e diferenciação do embrião, os quais são essenciais à formação gradual do plano do corpo. Resumo em inglês Morphological landmarks of Macrobrachium olfersi embryos were examined and their appearance times were related to each embryonic day. Males and females of M. olfersi (Wiegman, 1836) were captured in Santa Catarina Island and kept in freshwater small tanks at 26ºC and 10:14 dark: light cycle. Ovigerous females were monitored daily to remove samples of 20 eggs from brood pouch. The embryonic development was characterized through daily staging system. Living and fixed embry (mais) os were analyzed (48x) in intervals of 24 hours (embryonic day). The eye index was calculated in each embryonic day from the appearance of the eye pigmentation. The development of M. olfersi was described in 14 embryonic days (E), where the cleavage, gastrulation, germinal disk and egg nauplius are developed from E1 to E4. The subsequent days were characterized by the growth of the egg nauplius, as well by the formation and the bent of the post-nauplius. At E7, the eye pigmentation appeared and was followed by the beginning of heartbeats at E8. From E9 to E14, more intensive organogenesis processes occurred, mainly on the nervous, cardiac and digestive systems. The daily staging of development of M. olfersi development enabled the recognition of different embryonic forms, as well as growth and differentiation rhythms of embryo, which were fundamental to the gradual formation of the body plan.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

50

Influência do aumento do número de pupas hospedeiras de Cochliomyia macellaria (Diptera, Calliphoridae) no desenvolvimento do parasitóide Nasonia vitripennis (Hymenoptera, Pteromalidae) em laboratório/ Influence of the increase of the number of the host pupae of Cochliomyia macellaria (Diptera, Calliphoridae) in the development of the parasitoid Nasonia vitripennis (Hymenoptera, Pteromalidae) in laboratory

Barbosa, Leandro S.; Couri, Márcia S.; Coelho, Valéria M. A.
2008-09-01

Resumo em português O desenvolvimento pós-embrionário, a produtividade, a taxa de parasitismo e a razão sexual de Nasonia vitripennis (Walker, 1836) criada em pupa de Cochliomyia macellaria (Fabricius, 1775) foram estudados. Densidades diferentes de hospedeiro foram usadas (proporções 1:1, 1:2, 1:3, 1:4 e 1:5) com tempo de exposição de 72 horas, em cada uma delas. Fêmeas nulíparas originárias da colônia estoque foram individualizadas em tubos de teste cobertos com algodão hidróf (mais) obo e contendo as pupas hospedeiras. Cada tratamento constituiu-se de 10 repetições. Depois da exposição, as vespas foram descartadas e as pupas hospedeiras foram individualizadas em tubos de teste até a emergência dos adultos de C. macellaria ou N. vitripennis. Amostras das pupas hospedeiras não expostas ao parasitismo e recebendo o mesmo tratamento experimental foram usadas como controle. Os parasitóides mostraram um desenvolvimento mais lento em relação ao aumento da densidade de hospedeiros. Houve uma diminuição na produção de parasitóides por hospedeiro em densidades elevadas. A razão sexual tendeu para um desvio para nascimento de fêmeas com o aumento da densidade do hospedeiro. Os índices de parasitismo mostraram uma diminuição quando o parasitóide foi exposto a mais de duas pupas hospedeiras. Resumo em inglês The post-embryonic development, productivity, rate of parasitism and sexual ratio of Nasonia vitripennis (Walker, 1836) reared in pupae of Cochliomyia macellaria (Fabricius, 1775) were studied. Different densities of the host were used (proportion 1:1, 1:2, 1:3, 1:4, and 1:5) and the exposition in each one lasted 72 hours. Nulliparous females originating from the stock colony were individualized in test tubes covered with hydrophobic cotton and containing the host pupae. (mais) Each treatment was constituted by 10 repetitions. After the exposition, the wasps were discarded and the host pupae were individualized in test tubes until the emergence of the adults of C. macellaria or N. vitripennis. Samples of host pupae not exposed to parasitism and receiving the same experimental treatment were used as control. The parasitoids showed a slower development in relation to the increase of host density. There was a production decrease of parasitoids per host in elevated densities. The sexual ratio tended towards a deviation for the birth of females with the increase of the density of host. The rate of parasitism showed a decrease when the parasitoid was exposed to more than two host pupae.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

51

Aspectos reprodutivos do camarão de água doce Macrobrachium potiuna (Müller) (Crustacea, Decapoda, Palaemonidae) na Serra do Piloto, Mangaratiba, Rio de Janeiro, Brasil/ Reproductive aspects of freshwater shrimp Macrobrachium potiuna (Müller) (Crustacea, Decapoda, Palaemonidade) in Serra do Piloto, Mangaratiba, Rio de Janeiro, Brazil

Antunes, Luciana dos Santos; Oshiro, Lídia Miyako Yoshii
2004-06-01

Resumo em português Exemplares de Macrobrachium potiuna (Müller, 1880) foram coletados mensalmente de julho/2001 a junho/2002. No laboratório os camarões foram separados por sexo e mensurados. Fêmeas ovígeras foram separadas e seus ovos contados e mensurados. Foram capturados um total de 1162 indivíduos, dos quais 50% eram fêmeas, 47% machos e 3% juvenis. O período reprodutivo ocorreu durante a primavera-verão. Fêmeas ovígeras apresentaram comprimento total variando de 25,9 a 40,3 (mais) mm. A fecundidade média foi de 24,0 ± 9,0 ovos. A primeira maturação sexual ocorreu aos 25,9 mm de comprimento total. As dimensões médias dos ovos foram iguais a 1,56 e 2,08 mm para os eixos menor e maior, respectivamente, durante o estágio inicial de desenvolvimento embrionário e 1,70 e 2,46 mm, respectivamente, para os eixos menor e maior durante o estágio final de desenvolvimento. Resumo em inglês Samples of Macrobrachium potiuna (Müller, 1880) were collected monthly from July/2001 to June/2002. At the laboratory, shrimps were separated by sex and measured. The ovigerous females were separated and theirs eggs measured and counted. A total of 1162 shrimps were collected, 50% was females, 47% was males and 3% juveniles. The reproductive period occurred during the spring-summer. The ovigerous female showed total length from 25.9 to 40.3 mm. The mean fecundity was 24, (mais) 0 ± 9,0 eggs. The first sexual maturation occurred at 25.9 mm total length. The eggs showed means dimensions from 1.56 and 2.08 mm, respectively, for the short and the long axis during the initial stage of development and from 1.70 and 1.89 mm, respectively, for the short and long axis during the final stage of development.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

52

Desenvolvimento de Nasonia vitripennis (Walker, 1836) (Hymenoptera: Pteromalidae) em pupas de Cochliomyia macellaria (Fabricius, 1775) (Diptera: Calliphoridae), utilizando diferentes densidades do parasitóide/ Development of Nasonia vitripennis (Walker, 1836) (Hymenoptera: Pteromalidae) in pupae of Cochliomyia macellaria (Fabricius, 1775) (Diptera: Calliphoridae), using different densities of parasitoid

Barbosa, Leandro Silva; Couri, Márcia Souto; Coelho, Valéria Magalhães Aguiar
2008-03-01

Resumo em português O desenvolvimento pós-embrionário, a produtividade da pupa, a taxa de parasitismo e a razão sexual de Nasonia vitripennis (Walker) criadas em pupas de Cochliomyia macellaria (Fabricius) foram estudadas. Diferentes densidades do parasitóide foram utilizadas (proporções 1:1, 2:1, 3:1, 4:1 e 5:1) com exposição de 72 horas. Fêmeas nulíparas originárias da colônia estoque foram individualizadas em tubos de ensaio cobertos com algodão hidrofóbico, contendo uma pup (mais) a hospedeira. Cada tratamento foi constituído de 10 repetições. Após a exposição, as vespas foram descartadas e as pupas hospedeiras foram individualizadas em tubos de ensaio até a emergência dos adultos de C. macellaria ou N. vitripennis. Amostras de pupas hospedeiras não expostas ao parasitismo e recebendo o mesmo tratamento experimental foram utilizadas como controle. O período pós-embrionário foi significativamente mais curto na proporção 2:1 (13,73 dias) e mais longo na relação 5:1. Os picos de emergência ocorreram no 14º dia após a exposição do parasitóide ao hospedeiro para todas as relações, com exceção da relação 4:1(13º dia). A produtividade de N. vitripennis não variou significativamente entre as diferentes proporções. Conforme o número de parasitóides aumentou foi observado uma maior duração do período do desenvolvimento pós-embrionário e um aumento na proporção de machos na prole. A taxa de parasitismo apresentou queda quando o hospedeiro foi exposto a cinco parasitóides. Resumo em inglês The post-embryonic development, the productivity of the pupae, the rate of parasitism and the sexual ratio of Nasonia vitripennis (Walker) reared in pupae of Cochliomyia macellaria (Fabricius) were studied. Different densities of the parasitoid were used (proportions 1:1, 2:1, 3:1, 4:1, and 5:1) with exposition of 72 hours. Nulliparous females originating from the stock colony were individualized in test tubes covered with hydrophobic cotton and containing the host pupae. (mais) Each treatment was constituted by 10 repetitions. After the exposition, the wasps were discarded and the host pupae were individualized in test tubes until the emergency of the adults of C. macellaria or N. vitripennis. Samples of host pupae not exposed to parasitism and receiving the same experimental treatment were used as control. The post-embryonic period was significantly shorter in the proportion of 2:1 (13,73 days) and longer in the relation of 5:1. The peaks of emergence occurred in the 14th day after the exposition of the parasitoid to the host in all relations, except for the relation of 4:1(13rd day). The productivity of N. vitripennis does not vary significantly among the different proportions. As the number of parasitoids grows, its post-embryonic development gets slower and the sexual ratio of males grows up. The rate of parasitism showed a decrease when the host was exposed to five parasitoids.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

53

Aspectos anatômicos do embrião e desenvolvimento inicial de Oenocarpus minor Mart: uma palmeira da Amazônia/ Anatomical aspects of the embryo and initial development of Oenocarpus minor Mart: a palm tree from the Amazon

Oliveira, Andréia Barroncas de; Mendonça, Maria Silvia de; Araújo, Maria Gracimar Pacheco de
2010-03-01

Resumo em português Neste trabalho foi feita a anatomia do embrião e a fase inicial da germinação da semente de O. minor. Frutos maduros de cinco indivíduos foram despolpados e as sementes obtidas foram semeadas em canteiros contendo substrato areia em casa de vegetação com sombreamento a 50%. O acompanhamento da germinação foi feito através de coletas das diferentes fases do desenvolvimento. O estudo anatômico foi realizado conforme técnicas usuais de microscopia de luz. O embri� (mais) �o é capitado. O eixo embrionário localiza-se na região proximal em posição oblíqua ao eixo cotiledonar. O cotilédone é formado por tecido parenquimático, procambial e protodérmico. Os feixes vasculares ocorrem ao longo da zona periférica da região distal até ao eixo embrionário. Aos 14 dias é emitida a raiz primária. Aos 21 dias forma-se a primeira bainha cotiledonar e aos 35 dias a segunda bainha cotiledonar ocorrendo à emergência da plântula acima do substrato. A germinação é do tipo adjacente ligular. Resumo em inglês The anatomy of the embryo and the initial germination phase of O. minor seeds are examined here. Ripe fruits were collected from five individuals, the pulp removed, and the seeds sown in beds with sandy substrate in a greenhouse with 50% shade. Germination follow-up was made by collecting different stages of development. The anatomical study done according to usual techniques of light microscopy. The embryo is capitate and occupies a central position in the basal region o (mais) f the seed. The embryogenic axis is located in the proximal region in a position that is oblique to the cotyledon axis. The cotyledon is formed by parenchymatous, procambial and protodermic tissue. The vascular bundles lie along the peripheral zone of the distal region to the embryogenicaxis. After 14 days, the primary rootemerges; after 21 days, the first cotyledon sheath and after 35 days, the second cotyledon sheath, and the seedling emerges above the substrate. Germination is of the ligule adjacent type.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

54

Contribuição ao estudo da biologia de Biomphalaria occidentalis Paraense, 1981 e de Biomphalaria tenagophila (d'Orbigny, 1835), em condições de laboratório/ A contribution to the study of the biology of Biomphalaria occidentalis Paraense, 1981 and of Biomphalaria tenagophila (d'Orbigny, 1835), under laboratory conditions

Elmor, Maísa Rose Domenico; Vaz, Jorge Faria; Gonçalves, Léa Maria Cappelletti
1992-10-01

Resumo em português Com o objetivo de comparar a duração do período embrionário, a fecundidade e a fertilidade de Biomphalaria occidentalis Paraense, 1981 com a de B, tenagophila (d'Orbigny, 1835), exemplares de ambas as espécies foram criados em aquários dotados das mesmas características. Os ovos depostos pelos caramujos foram contados sob lupa binocular e seu desenvolvimento embrionário foi observado até a eclosão. Assim foi obtido o número total de posturas e de ovos por caram (mais) ujo, bem como o número total de ovos eclodidos por postura para cada período de trinta dias, ou seja, a taxa de eclosão por período. O experimento teve a duração de doze meses e os resultados obtidos são válidos para condições de laboratório. Resumo em inglês Specimens of Biomphalaria occidentalis and Biomphalaria tenagophila were reared in S.Paulo, Brazil under laboratory conditions, with a view to know their biological characteristics. Oviposition and eggs/oviposition ratio were recorded over twelve months so as to obtain information on the number of egg-masses per animal and the number of eggs per egg-mass, as also the number of hatched eggs per egg-mass for each period of 30 days, i.e., the hatching-rate per period. The in (mais) cubation period was about the same for both species, but the oviposition and egg oviposition ratio were greater in B. tenagophila.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

55

Contribuição ao estudo da biologia de Biomphalaria occidentalis Paraense, 1981 e de Biomphalaria tenagophila (d'Orbigny, 1835), em condições de laboratório/ A contribution to the study of the biology of Biomphalaria occidentalis Paraense, 1981 and of Biomphalaria tenagophila (d'Orbigny, 1835), under laboratory conditions

Elmor, Maísa Rose Domenico; Vaz, Jorge Faria; Gonçalves, Léa Maria Cappelletti
1992-10-01

Resumo em português Com o objetivo de comparar a duração do período embrionário, a fecundidade e a fertilidade de Biomphalaria occidentalis Paraense, 1981 com a de B, tenagophila (d'Orbigny, 1835), exemplares de ambas as espécies foram criados em aquários dotados das mesmas características. Os ovos depostos pelos caramujos foram contados sob lupa binocular e seu desenvolvimento embrionário foi observado até a eclosão. Assim foi obtido o número total de posturas e de ovos por caram (mais) ujo, bem como o número total de ovos eclodidos por postura para cada período de trinta dias, ou seja, a taxa de eclosão por período. O experimento teve a duração de doze meses e os resultados obtidos são válidos para condições de laboratório. Resumo em inglês Specimens of Biomphalaria occidentalis and Biomphalaria tenagophila were reared in S.Paulo, Brazil under laboratory conditions, with a view to know their biological characteristics. Oviposition and eggs/oviposition ratio were recorded over twelve months so as to obtain information on the number of egg-masses per animal and the number of eggs per egg-mass, as also the number of hatched eggs per egg-mass for each period of 30 days, i.e., the hatching-rate per period. The in (mais) cubation period was about the same for both species, but the oviposition and egg oviposition ratio were greater in B. tenagophila.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

56

Caracterização morfolóica de frutos e sementes de cataia (Drimys brasiliensis Miers. - Winteraceae)/ Morphological characterization of fruits ands seeds of Drimys brasiliensis Miers. - (Winteraceae)

Abreu, Daniela Cleide Azevedo de; Kuniyoshi, Yoshiko Saito; Medeiros, Antonio Carlos de Souza; Nogueira, Antonio Carlos
2005-12-01

Resumo em português Este trabalho teve como objetivo caracterizar morfologicamente as estruturas externas e internas dos frutos e das sementes de cataia (Drimys brasiliensis Miers.). Para a descrição dos frutos foram observados detalhes externos e internos do pericarpo, referentes à textura, consistência, pilosidade, brilho, forma, número de sementes por fruto e deiscência. Para as sementes foram analisadas as seguintes variáveis externas: dimensões, cor, textura, consistência, form (mais) a, posição do hilo e da micrópila. Para as características internas, verificou-se a presença ou ausência de endosperma, o tipo, a forma, a cor, o desenvolvimento embrionário e posição dos cotilédones, do eixo-hipocótilo-radícula e da plúmula. Durante o desenvolvimento embrionário, foram encontrados embriões que variaram de acordo com a diferenciação celular, evidenciando seus aspectos morfológicos, nos estágios de coração, torpedo e maduro. Os frutos de D. brasiliensis são múltiplos, livres, constituídos por cinco frutíolos, bagas, indeiscentes e polispérmicos. As sementes são reniformes e têm grande quantidade de endosperma, e apresentam dormência por imaturidade embrionária. Resumo em inglês The aim of this research was to characterize morphologically internal and external structures of Drimys brasiliensis Miers fruits and seeds. In order to describe the fruits, internal and external details related to texture, consistency, pilosity, brightness, shape and number of seeds per fruit were observed. Shedding was observed as well. Some external aspects of the seeds were analyzed including size, color, texture, consistency, shape, hilum and micropyle position. The (mais) following internal characteristics were observed the presence or absence of endosperm and cotyledon, embryo axes and plumule type, shape and color. The heart, torpedo and mature stages were identified during embryo development. The fruits of D. brasiliensis are multiple, free, constituted by five little fruits, indehiscence and polispermic. The seeds are kedney form and they have great amount of endosperm, and they present dormancy for embryonic immaturity.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

57

DESENVOLVIMENTO POS-EMBRIONARIO DE Cochliomyia macellaria (FABRICIUS) (DIPTERA: CALLIPHORIDAE) CRIADA EM DIETAS NATURAIS PROCESSADAS EM CONDIÇÕES CONTROLADAS

PAES, MARIA JOSE; MILWARD-DE-AZEVEDO, ELIANE M.
1998-07-01

Resumo em português RESUMO O desempenho dos imaturos de Cochliomyia macellaria (Fabricius) foi avaliado sob condições de laboratório. As larvas foram criadas em dietas a base de carne equina e sardinha, previamente armazenadas a 30°C de temperatura, por diferentes intervalos. As duas fontes alimentares foram, inicialmente, mantidas em freezer (-15°C) e, posteriormente, transferidas para um refrigerador, onde foram estocadas durante 24 horas. Após este período, foram sucessivamente ex (mais) postas a 30°C por 96, 72, 48 e duas horas e, 72, 48, 24 e duas horas, respectivamente. Uma amostra de carne vermelha foi caraterizada pela manutenção apenas em refrigerador, durante 11 dias. Utilizaram-se 100 g de dieta por repetição/ tratamento, considerando-se a relação de 1 larva: 2 g de dieta. Após o abandono espontâneo das dietas, as larvas foram individualizadas, permitindo o registro unitário da massa corporal. A taxa de desenvolvimento pós-embrionário não foi homogeneamente afetada pela utilização da carne equina previamente armazenada a 30°C de temperatura. Um expressivo percentual de larvas maduras oriundas deste substrato, processado durante 48 e 96 horas, registrou massas corporais inferiores a 60,0 mg. A emergência de adultos oscilou entre 73 e 97%. A taxa de desenvolvimento pós-embrionário foi reduzida ao utilizar-se a dieta a base de sardinha previamente mantida a 30°C de temperatura por 72 horas. As larvas maduras oriundas desta dieta processada, nas condições previstas, por duas, 24 e 48 horas, apresentaram de 57,0 a 65,0 mg. A massa corporal média obtida pelos espécimens remanescentes foi significativamente menor (50,0 mg). A taxa de sobrevivência dos imaturos, criados em sardinha, oscilou entre 68-88% Resumo em inglês POST-EMBRYONARY DEVELOPMENT OF Cochliomyia macellaria (FABRICIUS) (DIPTERA: CALLIPHORIDAE) REARED ON NATURAL DIETS PROCESSED IN CONTROLLED CONDITIONS. The performance of Cochliomyia macellaria (Fabricius) immature forms was evaluated in experimental conditions. Larvae were reared on equine meat and of sardine diets stored in an oven at 30 °C for different periods of time. Fresh diets lots were first stored in a freezer (- 15 °C) and transferred to a refrigerator for (mais) 24 hours. Portions of the equine meat and of the sardine were then sucessively stored at 30 °C for 96, 72, 48 and two hours, and, 72, 48, 24 and two hours, respectively. One sample was caracterized by the maintence of the diet in refrigerator, among 11 days, when red meat was utilized. One-hundred g diet in 4 replications/ treatment and 2 g diet per 1 larva ratio were used. The postfeeding larvae were separated and weighed individually. The rate of postembryonic development was not homogenously affected by previous storage of the diet at 30 °C, using horse meat. An expressive percentual of postfeeding larvae obtained from the substrates processed for 48 and 96 hours weighed less than 60,0 mg. The emergence of adults stayed between 73 e 97%. The rate of postembryonic development was reduced when the sardine diet was used previously maintened at 30°C for 72 hours. The postfeeding larvae obtained from the substrates processed, in this temperature, for two, 24 e 48 hours weighed between 57,0 and 65,0 mg. The mean weight of specimens from the remaining treatment was significantly lower (50,0 mg). The rate of immature forms survival ranged from 68 - 88 %

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

58

Biologia e exigências térmicas de Spodoptera cosmioides (Walk.) (Lepidoptera: Noctuidae)/ Biology and thermal requirements of Spodoptera cosmioides (Walk.) (Lepidoptera: Noctuidae)

BAVARESCO, ALVIMAR; GARCIA, MAURO S.; GRÜTZMACHER, ANDERSON D.; FORESTI, JOSEMAR; RINGENBERG, RUDINEY
2002-03-01

Resumo em português O objetivo do trabalho foi estudar a biologia de Spodoptera cosmioides (Walk.) em diferentes temperaturas e determinar suas exigências térmicas, visando fornecer subsídios para a criação do inseto em laboratório. Para isso, os períodos embrionário e pós-embrionário foram avaliados em sete temperaturas (14, 18, 22, 25, 28, 30 e 32ºC), em câmaras climatizadas, com fotofase de 14h. As lagartas foram criadas em dieta artificial, tendo como fontes protéicas feijã (mais) o branco, farelo de soja, levedura de cerveja, germe de trigo e leite em pó. A duração do período embrionário decresceu com o aumento da temperatura na faixa de 14°C a 25°C, mantendo-se constante entre 28°C e 32°C. Para os demais estágios (lagarta, pré-pupa e pupa), foi observada uma relação inversa entre a temperatura e a duração na faixa de 14°C a 30°C, estendendo-se a 32°C para pupas. A duração da fase de pupa dos machos foi maior do que das fêmeas, o que promoveu assincronia na emergência de adultos. As temperaturas bases do período embrionário, fase de larva, pré-pupa, pupa e ciclo total foram 9,34°C; 11,65°C; 9,65°C; 11,08°C e 11,23ºC, com constantes térmicas de 62,73 graus-dia (GD); 254,61 GD; 33,42 GD; 177,55 GD e 525,11 GD, respectivamente. Avaliando-se, separadamente, a fase de pupa, as temperaturas bases foram 11,25°C para machos e 10,81ºC para fêmeas, com constantes térmicas de 188,26 GD para machos e 165,47 GD para fêmeas. Para o ciclo total, a temperatura base e a constante térmica para machos foram 11,28°C e 535,85 GD. Para as fêmeas, estas mesmas variáveis foram 11,15°C e 513,17 GD. Concluiu-se que a faixa de temperatura mais adequada para o desenvolvimento de S. cosmioides situa-se entre 25ºC e 28ºC, na qual pode-se obter de 9,6 a 11,7 gerações anuais do inseto, em condições de laboratório. Resumo em inglês The biology of Spodoptera cosmioides (Walk.) was studied under different temperatures and its thermal requirements were determined, aiming to aid the rearing of this insect in the laboratory. Embryonic and post-embryonic periods were evaluated at seven different temperatures (14, 18, 22, 25, 28, 30 and 32ºC) under environmental chamber conditions, with 14h photophase. The caterpillars were reared on an artificial diet containing white bean, soybean meal, yeast extract, w (mais) heat germ and powder milk as source of protein. The extent of the embryonic period decreased with the increase of temperature within the 14ºC to 25ºC temperature range, remaining constant between 28ºC and 32ºC. For the other phases (caterpillar, pre-pupa and pupa) an inverse relationship between temperature and duration was observed within the 14ºC to 30ºC temperature range, extending to 32°C for pupae. Duration of pupal phase for males was larger than for females resulting in asynchronous adult emergence. The temperature thresholds for the embryonic, larval, pre-pupal, pupal periods and total cycle were 9.34ºC, 11.65ºC, 9.65ºC, 11.08ºC and 11.23ºC, with thermal constants of 62,73 degree-days (DD), 254.61DD, 33.42DD, 177.55DD and 525.11DD, respectively. Evaluating the pupal phase alone, the threshold temperatures were 11.25ºC for males and 10.81ºC for females, with thermal constants of 188.26DD for males and 165.47DD for females. For total cycle, the threshold temperature and the thermal constant for males were 11.28ºC and 535.85DD, whereas for females the same variables had values of 11.15ºC and 513.17DD. So, the most adequate temperature for the development of S. cosmioides is within the range of 25ºC and 28ºC, where 9.6 to 11.7 generations of the insect can be annually obtained, in laboratory conditions.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

59

Desempenho do parasitóide Nasonia vitripennis (Walker)(Hymenoptera, Pteromalidae) utilizando como hospedeiro Cochliomyia macellaria (Fabricius) (Diptera, Calliphoridae), sob diferentes tempos de exposição/ Performance of the parasitoid Nasonia vitripennis (Walker) (Hymenoptera, Pteromalidae) using as host Cochliomyia macellaria (Fabricius) (Diptera, Calliphoridae) under different exposition times

Barbosa, Leandro Silva; Couri, Márcia Souto; Coelho, Valéria Magalhães Aguiar
2010-03-01

Resumo em português Desempenho do parasitóide Nasonia vitripennis (Walker) (Hymenoptera, Pteromalidae) utilizando como hospedeiro Cochliomyia macellaria (Fabricius) (Diptera, Calliphoridae), sob diferentes tempos de exposição. Foram estudados o desenvolvimento pós-embrionário, a produtividade da pupa hospedeira, a taxa de parasitismo e a razão sexual de Nasonia vitripennis (Walker) criadas em pupas hospedeiras de Cochliomyia macellaria (Fabricius). Analisaram-se diferentes tempos de ex (mais) posição: 24, 48, 72 e 96 horas. Fêmeas nulíparas foram individualizadas em tubos de ensaio contendo as pupas hospedeiras e tampados com algodão hidrófobo. Cada tratamento foi constituído de 10 repetições. Após a exposição, os himenópteros foram descartados e as pupas hospedeiras foram mantidas individualizadas. O controle consistiu de pupas de C. macellaria não expostas ao parasitismo utilizando-se o mesmo delineamento experimental. Os parasitóides apresentaram um desenvolvimento pós-embrionário mais lento com aumento do tempo de exposição. A exposição mais produtiva foi a de 72 horas. A razão sexual apresentou uma tendência ao nascimento de fêmeas após a exposição de 48 horas. A taxa de parasitismo apresentou crescimento até a exposição de 72 horas. A taxa de nascimento de dípteros também apresentou queda até o tempo de exposição de 72 horas. Resumo em inglês The post-embryonic development, the productivity of the host pupae, the rate of parasitism and the sex ratio of Nasonia vitripennis reared in pupae of Cochliomyia macellaria were studied. Different exposition times were used: 24, 48, 72, 96 hours. Nulliparous females originating from the stock colony were individualized in test tubes covered with hydrophobic cotton and containing the host pupae. Each treatment was constituted by 10 replicates. After exposition, the hymeno (mais) pterans were discarded and the host pupae were individualized in test tubes until the emergency of the adults of C. macellaria or N. vitripennis. Samples of host pupae not exposed to parasitism and receiving the same experimental treatment, were used as control. The parasitoids showed a slower development in relation to the increase exposition time. The 72 hours exposition was the one which enabled higher productivity. The sex ratio tended towards a deviation for the birth of females after 48 hour. The rate of parasitism increased up to 72 hours. The rate of dipteran's emergence showed a decrease until 72 hours.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

60

Biologia do psilídeo-de-concha Glycaspis brimblecombei Moore (Hemiptera, Psyllidae) em Eucalyptus spp./ Red gum lerp psyllid Glycaspis brimblecombei Moore (Hemiptera, Psylidae) biology in Eucalyptus spp.

Firmino-Winckler, Daniela Cristina; Wilcken, Carlos Frederico; Oliveira, Nádia Cristina de; Matos, Carlos Alberto Oliveira de
2009-01-01

Resumo em português Biologia do psilídeo-de-concha Glycaspis brimblecombei Moore (Hemiptera, Psyllidae) em Eucalyptus spp.. Glycaspis brimblecombei Moore também conhecido por psilídeo-de-concha, se caracteriza por ser uma espécie específica ao gênero Eucalyptus L'Her. Este trabalho teve por objetivo determinar o ciclo biológico de G. brimblecombei em Eucalyptus spp. O trabalho foi conduzido em câmara climatizada (BOD), sob a temperatura de 26 °C e fotofase de 12 horas. As espécies (mais) de Eucalyptus utilizadas para o experimento foram: Eucalyptus camaldulensis, E. tereticornis, E. urophylla, E. grandis, Corymbia citriodora e um híbrido de E. grandis x E. urophylla ('urograndis'). Inicialmente foram utilizados 100 repetições (ninfas) tratamento (espécies de Eucalyptus). As avaliações foram diárias. Os parâmetros biológicos avaliados foram a duração e viabilidade do estágio ninfal, longevidade dos adultos, número de posturas/fêmea, duração do período embrionário, número e viabilidade ovos, longevidade dos adultos e duração do ciclo total. Os resultados obtidos demonstraram que salvo C. citriodora que apresentou ser letal ao desenvolvimento ninfal de G. brimblecombei as demais espécies de Eucalyptus testadas oferecem condições ao desenvolvimento biológico deste psilídeo, sendo que neste trabalho E. camaldulensis mostrou-se a mais adequada. Resumo em inglês Glycaspis brimblecombei Moore, also known as red gum lerp psyllid, is characterized to be specific to the genus Eucalyptus. This work aimed to evaluate G. brimblecombei biological cycle in Eucalyptus spp. The work was accomplished in acclimatized chamber (BOD), with temperature of 26 °C and photophase of 12 hours. Eucalyptus species used in this study were: Eucalyptus camaldulensis, E. tereticornis, E. urophylla, E. grandis, Corymbia citriodora and E grandis x E. urophyl (mais) la hybrid ('urograndis'). Initially 100 replications (nymphs) per treatment (Eucalyptus species) were prepared. The evaluations were daily and the following biological parameters were measured: nymph phase duration and viability, adult longevity, number of eggs/female, duration of incubation period, egg number and viability, total cycle, longevity and duration of adults. The results demonstrated that, except for C. citriodora, the other eucalypt species offer conditions to G. brimblecombei biological development, being E. camaldulensis the most adequate species.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

61

Os múltiplos sentidos das vacinas para a Aids/ The Multiple Meanings of HIV/AIDS Vaccines/ Les Multiples Significations Données Aux Vaccins Contre le SIDA

Spink, Mary Jane P.; Carvalheiro, José da Rocha
2002-01-01

Resumo em português Esta pesquisa visa contribuir para o desenvolvimento de práticas éticas de recrutamento de voluntários para ensaios de vacinas anti-HIV através da análise de entrevistas sobre os sentidos atribuídos às vacinas. Foram identificados quatro modelos de funcionamento das vacinas: terapêutico, onde são vistas como formas de medicamento; preventivo embrionário, centrado na função de proteção; de agência, focalizado na noção de anticorpos, e o modelo pleno no qua (mais) l função e mecanismos são integrados. A disponibilidade e uso desses modelos têm importantes implicações para a decisão de ser (ou não) voluntário em ensaios de vacinas anti-HIV. Resumo em inglês This study aims at contributing to the development of ethical recruitment strategies for AIDS vaccine trials through the analysis of interviews about the meaning attributed to vaccines. Four models of how vaccines work were identified: a therapeutic model in which vaccines are seen as a form of medicine; an embryonic preventive model centered on the function of protection; an agency model focused on the role of antibodies; and a full model where function and mechanisms ar (mais) e integrated. The availability and use of these models have important implications for the decision to enroll (or not) as volunteers in AIDS vaccine trials.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

62

Atividade ovicida de dois fármacos em caprinos naturalmente parasitados por nematódeos gastrintestinais, RS, Brasil/ Ovicidal activity of two medicaments against goat gastrointestinal nematode in RS, Brazil

Mattos, Mary Jane Tweedie de; Schmidt, Verônica; Bastos, Cristine Dossin
2000-10-01

Resumo em português A eficácia comparativa entre levamisole em duas doses diferentes e closantel foi avaliada sobre ovos de nematódeos gastrintestinais de caprinos naturalmente parasitados. Observou-se que a redução de ovos de nematódeos gastrintestinais foi de 93,23%, 91,25% e 70,42% nos grupos medicados com levamisole 8mg/kg, levamisole 11mg/kg e closantel 10mg/kg, respectivamente. O teste de desenvolvimento embrionário revelou que levamisole, nas duas doses, foi eficaz sobre Haemonc (mais) hus spp., Ostertagia spp., Cooperia spp. e Oesophagostomum spp. O closantel não foi eficaz para Cooperia spp e Oesophagostomum spp. Resumo em inglês The efficacy of the anthelmintics levamisole in two different doses (8mg/kg and 11mg/kg) and closantel (10mg/kg) were compared against gastrointestinal nematodes in naturally infected goats. The reduction on the faecal egg count was 93.23% in the group treated with levamisole at the dose of 8mg/kg, 91.25% in the group treated with the dose of 11mg/kg and 70.42% in the group treated with closantel. The anthelmintic levamisole was effective against Haemonchus spp., Ostertag (mais) ia spp., Cooperia spp and Oesophagostomum spp. However, closantel wasn't effective against Cooperia spp and Oesophagostomum spp.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

63

Biologia de Leptopharsa heveae Drake & Poor (Heteroptera: Tingidae) e a relação de suas exigências térmicas com a flutuação populacional em seringueira/ Biology of Leptopharsa heveae Drake & Poor (Heteroptera: Tingidae) and the relationship of its thermal requirements with population fluctuation in rubber tree

Cividanes, Francisco J.; Fonseca, Fernando S.; Galli, Julio C.
2004-12-01

Resumo em português O percevejo-de-renda, Leptopharsa heveae Drake & Poor, foi estudado visando-se determinar suas exigências térmicas, e a biologia e flutuação populacional de ninfas e adultos em seringueira, Hevea brasiliensis Müell Arg. Os experimentos foram conduzidos em câmaras climatizadas reguladas a 15°C, 20°C, 25°C, 27°C e 30ºC e como hospedeiro utilizaram-se mudas de seringueira do clone RRIM 600. A flutuação populacional foi obtida amostrando-se os lados n (mais) orte e sul de seringueiras do clone PB 235, considerando-se folhas das partes interna e externa dos terços inferior, médio e superior das plantas. A temperatura de 15ºC foi inadequada para o desenvolvimento embrionário de L. heveae. O período de pré-oviposição foi menor em temperaturas elevadas (27°C e 30ºC), contudo a fecundidade não se alterou na faixa de 20°C a 30ºC. Os limites térmicos inferior de desenvolvimento e as constantes térmicas das fases de ovo, ninfa e ciclo biológico foram 11,5/141,4, 8,3/234,6 e 9,8ºC/370,4 graus-dia, respectivamente. Os adultos e ninfas apresentaram picos populacionais em 30/03/99, ocorrendo também pico de adultos em 04/06/99 e de ninfas em 19/10/99. As exigências témicas possibilitaram prever a ocorrência de treze gerações de L. heveae durante o período de outubro/1998 a novembro/1999. Resumo em inglês The rubber tree lacebug, Leptopharsa heveae Drake & Poor, was studied aiming to determine its thermal requirements, biology and the population fluctuation of nymphs and adults in rubber tree, Hevea brasiliensis Müell Arg. Experiments were conducted in climatic chambers at 15°C, 20°C, 25°C, 27°C and 30°C using rubber tree seedlings clone RRIM 600 as host plant. The population fluctuation was obtained by sampling north and south sides of rubber trees cl (mais) one PB 235, considering leaves of internal and external parts located in the top, middle and basal sections of the trees. The temperature of 15°C was inadequate for the embryonic development of L. heveae. The shortest lacebug pre-oviposition period was observed at the high temperatures of 27°C and 30ºC, however the female fecundity was not altered at the temperature gradient of 20°C to 30ºC. The estimated lower developmental thermal thresholds and thermal constants of the egg and nymphal phases and of the biological cycle were 11.5/141.4, 8.3/234.6 and 9.8°C/370.4 degree-day, respectively. A population peak of adults and nymphs occurred in 30/03/99; another peak of adults was also observed in 04/06/99 and nymphs in 19/10/99. The thermal requirements provided the prevision of thirteen generations of L. heveae from October/1998 to November/1999.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

64

Efeito de extratos aquosos de Azadirachta indica, Melia azedarach e Aspidosperma pyrifolium no desenvolvimento e oviposição de Plutella xylostella/ Effect of aqueous extracts of Azadirachta indica (A. Juss), Melia azedarach (L.) and Aspidosperma pyrifolium (Mart.) on the development and oviposition of Plutella xylostella (L.) (Lepidoptera: Plutellidae)

Torres, Adalci Leite; Boiça Júnior, Arlindo Leal; Medeiros, Cesar Augusto Manfré; Barros, Reginaldo
2006-01-01

Resumo em português Foram avaliados a CL50 e o efeito de extratos aquosos de plantas na biologia, oviposição e período embrionário de Plutella xylostella L. (Lepidoptera: Plutellidae). Para determinação da CL50 foram utilizadas concentrações entre 0,03 e 0,8 % para amêndoas de Azadirachta indica (A. Juss.) 0,5 e 7,0 % para casca de Aspidosperma pyrifolium (Mart.) e 0,5 e 12,5 % para frutos de Melia azedarach (L.), obtendo-se as CL50 de 0,06; 2,17 e 2,90%, respectivamente. Verificou- (mais) se que os extratos aquosos de todas as espécies vegetais afetaram o desenvolvimento do inseto, principalmente na fase larval. Na fase de pupa, os extratos reduziram a massa e a viabilidade. Houve deformação de adultos para os extratos de A. pyrifolium e M. azedarach e o de A. indica causou maior porcentagem. Todos os extratos possuem efeito tóxico para ovos de P. xylostella, sendo dependente do aumento da concentração. Nos extratos da casca de A. pyrifolium, do fruto de M. azedarach e da amêndoa de A. indica observa-se ação ovicida quando usados na concentração letal de lagartas de primeiro ínstar da praga. Em observações do ovo de P. xylostella com auxílio de um microscópio eletrônico de varredura, verificou-se a existência de microporos onde pode ocorrer a penetração do produto ovicida, além da constatação da textura rugosa da casca do ovo que pode reter ou fixar os extratos. Resumo em inglês The effects of aqueous extracts of plants on the biology, preference for oviposition and embryonic period of Plutella xylostella were evaluated. Concentrations between 0.03 and 0.8 % for kernel of Azadirachta indica, 0.5 and 7.0% for peel of Aspidosperma pyrifolium and 0.5 and 12.5% for fruits of Melia azedarach were used, with LC50 values of 0.06; 2.17 and 2.90%, respectively, being obtained. It was verified that the aqueous extracts of all of the appraised vegetable spe (mais) cies affected the development of the insect, mainly in the larval phase. In the pupae phase, the extracts reduced the weight and the viability. There was adults' deformation for the extracts of A. pyrifolium and M. azedarach, being it of A. indica what caused larger percentage. Toxics effects on the eggs of P. xylostella were observed for all extracts. The extracts from A. pyrifolium (peel); M. azedarach (fruit) and A. indica (kernel) presented ovicide action in the lethal concentration of caterpillars at first instar of the pest. Observations of P. xylostella eggs with the aid of an electronic microscope showed presence of microspore, revealing ovicide action, besides wrinkled texture of the eggs peel retaining the extracts.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

65

Aspectos morfológicos, germinação e desenvolvimento inicial de plântulas de Archontophoenix alexandrae (F. Mueller) H. Wendl. e Drude (Arecaceae) em diferentes substratos/ Morphological aspects, germination and initial seedling development of Archontophoenix alexandrae (F. Mueller) H. Wendl. e Drude (Arecaceae) in different substrates

Charlo, Hamilton César de Oliveira; Môro, Fabíola Vitti; Silva, Vanessa Lorencini da; Silva, Breno Marques da Silva e; Bianco, Silvano; Môro, José Roberto
2006-12-01

Resumo em português Este trabalho teve por objetivo descrever a morfologia dos diásporos e as suas fases de germinação, bem como determinar o substrato mais adequado para a germinação das sementes e o crescimento das plântulas de palmeira-da-rainha (Archontophoenix alexandrae (F. Mueller) H. Wendl. e Drude). Periodicamente, unidades representativas de cada fase de germinação foram retiradas para as descrições morfológicas. Os substratos utilizados foram Plantmax®, areia, terra (l (mais) atossolo roxo) e outro com proporções iguais de terra, areia e esterco (TAE). Foi instalado um experimento em delineamento inteiramente casualizado. Avaliaram-se a porcentagem, o tempo médio de germinação e o crescimento inicial das plântulas aos 135 dias após a emergência, com base na altura, diâmetro do colo e número, comprimento e largura das folhas. As sementes são albuminosas, com endosperma ruminado e oleaginoso, e o embrião é lateral, periférico e relativamente indiferenciado. A germinação é do tipo criptocotiledonar hipógea, iniciando-se com a formação de uma massa de células indiferenciadas na depressão micropilar. Essa massa de células torna-se cilíndrica, com a diferenciação dos primórdios caulinares e radiculares. Concomitantemente, ocorre o desenvolvimento de raízes adventícias no eixo embrionário. O substrato mais indicado para a germinação de sementes de palmeira-da-rainha é o Plantmax®, porém, para o crescimento inicial, indica-se Plantmax® e TAE. Resumo em inglês This work aimed at describing the morphology and germination phases of diaspores, in order to determine a more suitable substrate for germination and growth of Queen Palm seedlings. Representative units of each germination phase were removed periodically for the morphological descriptions. The used substrates were Plantmax®, sand, rich soil and a substrate with equal ratios of soil, sand and manure (TAE). The experiment was performed in a completely randomized design. Th (mais) e percentage and the time of germination and the initial growth of seedlings at 135 days after the emergency were evaluated on the basis of seedling height, crown diameter, leaf number, length and width of leaves. Seeds are albuminous, with a ruminated and oleaginous endosperm. The embryo is lateral, peripheral and relatively undifferentiated. The germination is hypogeal cryptocotyledonary, initiating with the formation of an undifferentiated cell mass in the micropilary depression. This mass of cells becomes cylindrical, with the differentiation of the shoot and root primordium. It is concluded that for the germination of Queen Palm seeds, the most indicated substrate is Plantmax®, however for the initial growth, both Plantmax® and TAE are indicated.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

66

Hepes na produção de embriões bovinos in vitro/ Hepes on in vitro production of bovine embryos

Montagner, Marcelo Marcos; Gonçalves, Paulo Bayard Dias; Neves, Jairo Pereira; Costa, Luís Fabiano Santos da; Bortolotto, Ederson Bisognin; Farias, Alexandre Morales; Stranieri, Patrícia
2000-06-01

Resumo em português O objetivo do presente estudo foi de avaliar a amplitude da variação de pH em meios de maturação e de cultivo embrionário, com diferentes concentrações do tampão HEPES. Inicialmente, foi determinado o efeito de diferentes concentrações de HEPES (0, 12,5 e 25,0mM) na variação do pH dos meios de maturação (TCM-199 modificado) e desenvolvimento embrionário (KSOM modificado) em meio ambiente, à temperatura de 25ºC, e na estufa, em uma atmosfera de 5% de CO2 e (mais) m ar a 39ºC. Em um segundo experimento, os oócitos foram maturados em TCM-199 modificado sem HEPES (142 oócitos) ou com 25,0mM de HEPES (137 oócitos) e foi avaliado índice de blastocisto. O meio Fert-TALP foi utilizado para a fecundação, sendo que os embriões foram co-cultivados com células epiteliais de oviduto (CEO) em KSOM modificado com 10% de SFB. Um terceiro experimento foi delineado para determinar a importância da presença do HEPES no meio de cultivo embrionário sobre o desenvolvimento de embriões bovinos in vitro. Para isso, após a retirada do cumulus, os zigotos foram divididos ao acaso e co-cultivados com CEO em KSOM modificado (com 10% de SFB) sem HEPES (grupo controle; n = 95) ou com 25,0mM de HEPES (grupo HEPES; n = 92). Foram mantidos em cultivo somente os embriões com duas ou mais células, sendo considerados desenvolvidos os que atingiram o estádio de blastocisto expandido (Bx), 7 e 9 dias após inseminação. O cultivo dos oócitos e embriões, em ambos os experimentos, foi efetuado em estufa a 39ºC, com uma atmosfera contendo 5% de CO2 e umidade saturada. Os resultados mostram que os meios contendo 25,0mM de HEPES foram mais eficientes em minimizar a variação do pH que os meios com 12,5mM ou sem HEPES. Além disso, a adição de HEPES ao meio de maturação aumentou os índices de Bl sobre o total de oócitos e sobre o total de clivados (21,9% e 42,86%) com relação ao controle (10,56 e 16,67%; p Resumo em inglês The aim of the present study was to evaluate the range of pH changes in maturation and embryo development media, buffered with different HEPES concentrations. Initially, the effect of different concentrations of HEPES (0, 12.5 and 25.0mM) on the variation of pH in the maturation (modified TCM-199) and embryonic development (modified KSOM) media was evaluated at room temperature (25ºC) and in an atmosphere of 5% CO2 in air at 39ºC. In another experiment, the effect of HE (mais) PES on in vitro oocyte maturation was determined. Oocytes were maturated in TCM-199 modified either with 25.0mM of HEPES (HEPES group; n = 137) or without HEPES (control group; n = 142), performing 7 replicates and evaluating the rate of blastocyst. In this study, the medium used for fertilization was Fert-TALP while for embryo development was KSOM with 10% of fetal bovine serum with monolayer of oviduct epithelial cells. A third experiment was designed to determine the effect of HEPES on embryo development. The zygotes were divided in two groups and co-incubated with oviduct epithelial cells in modified KSOM with 10% of fetal bovine serum without HEPES (n = 95) or with 25.0mM of HEPES (n = 92). For this experiment, it was used embryos with two or more cells and the embryo development was considered from cleavage to expanded blastocyst (Bx), 7 and 9 days after insemination. The oocytes and embryos were incubated at temperature of 39ºC, an atmosphere containing 5% CO2 in air and saturated humidity. The media with 25.0mM of HEPES were more efficient in minimizing the range of pH than those with 12.5mM or without HEPES. To determine the effect of HEPES during in vitro oocyte maturation, the percentage of Bl considered either the total number of oocytes or the total number of cleavages was higher in the HEPES group (21.9% or 42.9%, respectively) than those obtained in the control group (10.56% or 16.67%, respectively). When HEPES was added to embryo culture medium, the percentage of Bx (45.65%) was higher than that obtained in medium without HEPES (11.58%; p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

67

Efeito de sistema de cultivo, célula somática e soro em co-cultura sobre o desenvolvimento de embriões bovinos fecundados in vitro/ Effects of culture system, somatic cells and serum in co-culture on the development of in vitro fertilized bovine embryos

Camargo, L.S.A.; Sá, W.F.; Ferreira, A.M.; Viana, J.H.M.
2001-02-01

Resumo em português O objetivo deste experimento foi o de avaliar o efeito de sistemas de cultivo e de diferentes células somáticas e soro bovino na co-cultura sobre a produção de embriões bovinos fecundados in vitro. No experimento um avaliou-se o efeito do sistema de co-cultura com células da tuba uterina e do sistema "definido". No experimento dois utilizaram-se células da granulosa ou da tuba uterina para a co-cultura em meio CR1aa (Charles Rosenkrans). No experimento três utiliz (mais) ou-se soro de vaca em cio (SVC) ou soro fetal bovino (SFB), ambos em co-cultura com células da granulosa em CR1aa. Os ovócitos utilizados foram obtidos de ovários colhidos em matadouro e maturados in vitro em meio 199 com soro de vaca em cio e FSH por 24h. Após a maturação, os ovócitos foram fecundados in vitro por 22h e posteriormente divididos aleatoriamente nos tratamentos. Avaliaram-se a taxa de clivagem no dia três do cultivo, a produção de blastocistos nos dias sete e oito, e de blastocistos eclodidos nos dias nove e dez. Não houve diferença entre os sistemas em co-cultura e "definido" quanto à taxa de clivagem (80,7% e 75,4%) e de produção de blastocisto (19,4% e 17,7%). Entretanto, a taxa de blastocistos eclodidos foi superior para o sistema em co-cultura (37,5%) quando comparado com o sistema "definido" (8,7%). O cultivo embrionário em células da tuba uterina ou da granulosa resultaram em taxas de clivagem, produção de blastocisto e blastocistos eclodidos semelhantes entre si (65,5% e 66,7% de clivagem, 11,6% e 13,7% de blastocistos e 23,1% e 50,0% de blastocistos eclodidos; P>0,05), bem como o cultivo com SFB ou SVC (63,9% e 70,2% de clivagem, 14,3% e 8,7% de blastocisto e 41,2% e 33,3% de blastocistos eclodidos; P>0,05). Conclui-se que o sistema de cultivo "definido" pode ser utilizado para estudos com cultivo de embriões in vitro, no entanto, os resultados quanto à taxa de eclosão ainda são inferiores ao sistema em co-cultura. As células da granulosa e da tuba uterina possuem efeito semelhante sobre o desenvolvimento embrionário, assim como o soro de vaca em cio e o soro fetal bovino, quando em co-cultura. Resumo em inglês The aims of this study were to evaluate the effects of culture system and different somatic cells and bovine serum in co-culture on in vitro production of bovine embryos. On the first experiment oviduct epithelial cells for co-culture system in CR1aa (Charles Rosenkrans) medium for "defined" system were studied. On the second experiment granulosa or oviduct epithelial cells, both in CR1aa medium were used. On the third experiment estrous cow serum (ECS) or fetal calf seru (mais) m (FCS), both in granulosa cells co-culture in CR1aa medium was used. Bovine cumulus-oocytes complexes, obtained from ovaries collected at slaughterhouse, were matured in vitro in medium 199 added with ECS and FSH for 24h. Right after, the oocytes were fertilized in vitro for 22h and randomly divided in the treatments of the experiments. The cleavage rate was evaluated on day three, the blastocyst production on seventh and eighth days and the hatched blastocysts on ninth and tenth days. No differences were obtained (P>0.05) between co-culture and "defined" systems on the cleavage rate (80.7% and 75.4%) and on the blastocysts production (19.4% and 17.7%). However, the hatched blastocyst rate was higher (P0.05), as well as with FCS and ECS (63.9% and 70.2% of cleavage, 14.3% and 8.7% of blastocyst and 41.2% and 33.3% of hatched blastocyst; P>0,05). The results show that the "defined" system can be used for in vitro embryo culture studies. Nevertheless, the hatched blastocyst rate was higher in co-culture system. Granulosa and oviduct epithelial cells had similar effects on the in vitro embryonic development. Similar results were also obtained using estrous cow serum and fetal calf serum, when in granulosa cells co-culture.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

68

Auto-incompatibilidade em Coffea Dewevrei de wild. et th. dur./ Self-incompatibility in Coffea Dewevrei

Medina, Dixier M.; Conagin, C. H. T. Mendes
1959-01-01

Resumo em português Diversas pesquisas foram realizadas com a finalidade de esclarecer as causas da improdutividade de Coffea Dewevrei, da qual possuímos em coleção as seguintes variedades: Abeokutae, Dybowskii, Bxcelsa e Dewevrei. Um grande número de auto-polinizações e cruzamentos foi realizado dentro e entre variedades. Com êsse trabalho ficou comprovado que as auto-polinizações são absolutamente improdutivas e que só são produtivas as combinações entre certos clones. Das ob (mais) servações citológicas realizadas sôbre a formação e desenvolvimento do saco embrionário e sôbre o pólen concluiu-se não existir qualquer anormalidade capaz de impedir a fertilização. Chegou-se à conclusão de que também nesta espécie diplóide existe o fenômeno da incompatibilidade genética, cujo mecanismo ainda não foi estudado. São apresentados alguns dados sôbre a porcentagem de lojas vazias que ocorrem nos frutos desta espécie. Resumo em inglês Pollination studies in Coffea Dewevrei De Wild, et Th. Dur. showed that this species is self-sterile. Several varieties of the group are now under investigation to explain such sterility. Only crosses between certain plants are fertile. Cytological investigation on the pollen and embryo sac development indicated that there is no abnormality that could prevent fertilization. Pollen behaves differently when it is placed on the stigmas of compatible and incompatible plants. (mais) Only in the first case does germination occur. All these facts led to the conclusion that self-sterility in Coffea Dewevrei is also of genetic origin, perhaps expressed in the same way as in C. canephora Pierre ex Fröhner. The exact mechanism of this incompatibility is not known yet. The occurrence of empty locules have been recorded in case of several plants of the varieties Abeokutae, Dybowskii, Excelsa, and Dewevrei. These results are presented in this paper.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

69

Observações citológicas em Pelargonium/ Cytological observations on Pelargonium

Conacin, Cândida H. T. M.
1964-01-01

Resumo em português As variedades de pelargônio aromático existentes na Seção de Fumo, Plantas Medicinais e Inseticidas, do Instituto Agronômico, são completamente estéreis. Atendendo a um plano de trabalhos em colaboração, um estudo citológico foi conduzido, como ponto de partida para as pesquisas sôbre essa esterilidade. Os processos da formação do pólen, do saco embrionário e da fertilização são normais; esta última, no entanto, é muito rara, e o embrião e o endosperm (mais) a não ultrapassam o estado inicial. Foi constatado um mecanismo para a esterilidade masculina, impedindo a polinização dos estigmas. Além disso, parece provável que causas fisiológicas, agindo após a fertilização, sejam responsáveis pela paralisação do desenvolvimento dos sacos embrionários fertilizados. Em algumas variedades de pelargônio ornamental foram feitas observações paralelas, tendo sido verificado que, ecològicamente, as variedades estéreis se comportam como as variedades aromáticas; diferem delas, entretanto, por não apresentar o mecanismo para esterilidade masculina; outras causas devem ser responsáveis pela esterilidade dessas variedades. Nas variedades férteis o processo da formação da semente é inteiramente normal. Resumo em inglês This paper presents the basic cytological studies on some commercial varieties of Pelargonium, which have been cultivated in our Institute for oil production. Pollen grains and embryo sac are formed after a normal process, but fertilization takes place very rarely; in the fertilized embryo sacs only initial divisions of the embryo and endosperm have been found. There is a mechanism for male sterility besides some physiological disturbances in all these varieties. Followin (mais) g the same scheme, some observations have been made on three varieties of showing Pelargonium. The sterile varieties are cytologically similar to the commercial varieties, but do not show a mechanism for male sterility. In the fertile varieties seed production is normal.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

70

Dietas com nitrogênio não-proteico para fêmeas bovinas superovuladas sem prévia adaptação durante curto tempo e em diferentes fases do ciclo estral/ Effect of short term non-protein nitrogen feeding for superovulated beef cows without previous adaptation and at different periods of the oestrus cycle

Alves, Flávio Rocha; Martins, Claudiney de Melo; Braga, Fernando do Amaral; Costa, Ricardo Lopes Dias da; Demarchi, João José Assumpção de Abreu; Rodrigues, Paulo Henrique Mazza
2010-09-01

Resumo em português Objetivou-se neste estudo avaliar o efeito do fornecimento, sem prévia adaptação, durante curto tempo e em diferentes fases do ciclo estral, de dietas contendo nitrogênio não-proteico (NNP) na produção, na qualidade e no grau de desenvolvimento de embriões recuperados em fêmeas bovinas superovuladas. Sessenta e oito vacas Nelore foram distribuídas em três grupos: um controle e dois com fornecimento de ureia antes (UA = do dia -5 ao dia 0) e após (UD = dia 0 ao (mais) dia 5) a inseminação artificial. As vacas foram mantidas em pastagem e receberam concentrado (3,0 kg/animal/dia) durante 16 dias. Foram formulados dois concentrados, e as dietas totais (concentrado e consumo estimado de pastagem) apresentaram 12,0% (dieta controle) e 14,6% (dieta NNP) de proteína bruta (PB). As vacas foram sincronizadas, superovuladas e inseminadas. Sete dias (dia 7) após a inseminação (dia 0), realizou-se a colheita e análise dos embriões. Amostras de sangue foram coletadas nos dias -5, 0 e 5 para determinação da concentração de nitrogênio ureico plasmático (NUP), glicose, insulina e progesterona. A época de fornecimento de ureia influenciou as concentrações médias de NUP nos dias -5, 0 e 5, mas não tiveram efeito nas concentrações de glicose, insulina e progesterona. O período de fornecimento da ureia teve efeito na porcentagem de mórulas compactas em relação ao total de estruturas (UA = 51,4 vs. UD = 15,3%), em relação ao total de oócitos fecundados (UA = 62,5 vs. UD = 30,6%) e em relação ao total de embriões viáveis (UA = 68,8 vs. UD = 38,6%). No grupo que recebeu ureia depois da inseminação artificial, houve redução de 70,2% da proporção de mórulas compactas por total de estruturas em relação ao grupo que recebeu ureia antes da inseminação. Dietas com nitrogênio não-proteico fornecidas imediatamente após a inseminação promovem aceleração do desenvolvimento embrionário inicial. Resumo em inglês The aim of this study was to evaluate the effects of short term non-protein nitrogen feeding at different periods of the oestrus cycle in superovulated cows, without previous adaptation, on yield, quality and development degree of recovered embryos. A total of sixty-eight Nelore cows were distributed in three groups: the control group (C) and two groups with urea supply before (UB; urea supply from day -5 to day 0) and after (UA; supply from day 0 to day 5) artificial ins (mais) emination. Animals were kept grazing and received 3.0 kg/animal/day of concentrate during 16 days. Two concentrates were formulated and the total diets (concentrate and estimate forage intake) showed 12.0% (control diet) and 14.6% (non-protein diet) of crude protein. Animals were synchronized, superovulated and inseminated. The embryos were collected and analysed seven days (day 7) after insemination (day 0). Blood samples were collected on days -5, 0 and 5 to determine concentration of plasmatic urea nitrogen, glucose, insulin and progesterone. The time of urea supply affected average plasmatic urea nitrogen concentration on days -5, 0 5 but it did not affect concetrations of glucose, insulin and progesterone. The moment of urea inclusion had effect on compact morula percentage in relation to the total number of structures (UB = 51.4 vs. UA = 15.3%), to the total number of fertilized oocytes (UB = 62.5 vs. UA = 30.6%) and to the total number of viable embryos (UB = 68.8 vs. UA = 38.6%). In the after insemination group of urea supply there was 70.2% of reduction on compact morula proportion over the total structures in relation to the group that received urea before insemination. Non-protein nitrogen feeding immediately after insemination promotes faster rates of embryo development.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

71

Análise filogenética do gene da miogenina/ Phylogenetic analysis of the myogenin gene

Schierholt, A.S.; Fonseca, I.; Silva, P.V.; Paiva, S.R.; Chaves, L.C.S.; Lopes, P.S.; Faria, D.A.; Guimarães, S.E.F.
2008-02-01

Resumo em português Estudou-se a filogenia do gene da miogenina, um membro da família MyoD, reguladora da miogênese, que ocorre durante o desenvolvimento embrionário, e sua história evolutiva em espécies domésticas que apresentem seqüências de DNA depositadas no Genbank, comparando-se o índice de substituição de nucleotídeos não-sinônimos pelo índice de substituição sinônima. Valores maiores do que um (1) indicaram que o gene sofreu mudanças que tornaram o organismo mais a (mais) daptado ao ambiente. As árvores filogenéticas foram obtidas por máxima verossimilhança, e os índices de substituição sinônima e não-sinônima foram analisadas pelo método de parcimônia. Os resultados indicaram que, provavelmente, o gene sofreu evolução adaptativa no grupo Ruminantia, Bos taurus e Ovis aries, depois que essas espécies divergiram do ancestral comum. Para as outras espécies analisadas, o gene parece ter evoluído de modo conservativo. Resumo em inglês The myogenin gene, a member of the MyoD gene family, is a regulator of the myogenesis that takes place during the embryonic development. The objective of this study was to perform a phylogenic analysis of the myogenin gene to study its evolutionary history in the domestic species that have the sequencing data deposited in the Genbank. One common method to detect a gene evolution is made by comparing the ratio of nonsynonymous nucleotide substitution by the ratio of synony (mais) mous substitutions. Values greater than one (1) means that the gene has gone through changes that made the organism more adapted to the environment. The phylogenetic trees were obtained by maximum likelihood and the synonymous and nonsynonymous substitution rates were analyzed by the parsimony method. The results point out that probably the gene suffered an adaptive evolution in the Ruminantia group, Bos Taurus and Ovis aries, after these species diverged from their common ancestral. In the other species, the gene seems to be evolved in a conservative way.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

72

Aspectos morfológicos de ovos de triatominae: II - Características macroscópicas e exocoriais de dez espécies do gênero Rhodnius Stal, 1859 (Hemiptera - Reduviidae)/ Morphological aspects of triatominae eggs: II. Macroscopic and exochorial characteristics of ten species of the genus Rhodnius Stal, 1859 (Hemiptera - Reduviidae)

Barata, José Maria Soares
1981-10-01

Resumo em português Foi realizado estudo morfológico do exocório de ovos de dez espécies de Rhodnius (Hemiptera-Reduviidae) através de microscopia eletrônica de varredura e microscopia óptica, com vistas à classificação taxionômica: Rhodnius domesticus Neiva & Pinto, 1923; R. ecuadoriensis Lent & León, 1958; R. nasutus Stal, 1859; R. neglectus Lent, 1954; R. neivai Lent, 1953; R. pallescens Barber, 1932; R. paraensis Sherlock, Guitton & Miles, 1977; R. pictipes Stal, 1972; R. prol (mais) ixus Stal, 1859; e R. robustus, 1927. São apresentados dados sobre aspectos gerais das cascas e dos ovos quanto à forma, coloração e tamanho, bem como as modificações que poderão ocorrer quanto à coloração durante o desenvolvimento embrionário pós-oviposição. São elaboradas chaves dicotômicas para a classificação destas espécies, baseadas na utilização de caracteres visíveis pela microscopia óptica e microscopia eletrônica de varredura. Resumo em inglês Morphological studies of exochorial patterns of Rhodnius (Hemiptera-Reduviidae) genus were made. Ten species were studied by scanning and common microscopy, and data were described mainly for systematic purposes. The species included are Rhodnius domesticus Neiva & Pinto, 1923; R. ecuadoriensis Lent & Leon, 1958; R. nasutus Stal, 1959; R. neglectus Lent, 1954; R. neivai Lent, 1953; R. pallescens Barber, 1932; R. paraensis Sherlock, Guitton & Miles, 1977; R. pictipes Stal, (mais) 1872; R. prolixus Stal, 1859; and R. robustus Larrousse, 1927. General aspects of eggs and shells such as shape, color patterns, and size measurements are also presented. Data about changes of coloration occurred during egg maturation were recorded and related to the embryonic development. The characteristics described were utilized to work out identification keys for these Triatominae eggs, both by optical and scanning electron microscopy.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

73

Aspectos morfológicos de ovos de triatominae: II - Características macroscópicas e exocoriais de dez espécies do gênero Rhodnius Stal, 1859 (Hemiptera - Reduviidae)/ Morphological aspects of triatominae eggs: II. Macroscopic and exochorial characteristics of ten species of the genus Rhodnius Stal, 1859 (Hemiptera - Reduviidae)

Barata, José Maria Soares
1981-10-01

Resumo em português Foi realizado estudo morfológico do exocório de ovos de dez espécies de Rhodnius (Hemiptera-Reduviidae) através de microscopia eletrônica de varredura e microscopia óptica, com vistas à classificação taxionômica: Rhodnius domesticus Neiva & Pinto, 1923; R. ecuadoriensis Lent & León, 1958; R. nasutus Stal, 1859; R. neglectus Lent, 1954; R. neivai Lent, 1953; R. pallescens Barber, 1932; R. paraensis Sherlock, Guitton & Miles, 1977; R. pictipes Stal, 1972; R. prol (mais) ixus Stal, 1859; e R. robustus, 1927. São apresentados dados sobre aspectos gerais das cascas e dos ovos quanto à forma, coloração e tamanho, bem como as modificações que poderão ocorrer quanto à coloração durante o desenvolvimento embrionário pós-oviposição. São elaboradas chaves dicotômicas para a classificação destas espécies, baseadas na utilização de caracteres visíveis pela microscopia óptica e microscopia eletrônica de varredura. Resumo em inglês Morphological studies of exochorial patterns of Rhodnius (Hemiptera-Reduviidae) genus were made. Ten species were studied by scanning and common microscopy, and data were described mainly for systematic purposes. The species included are Rhodnius domesticus Neiva & Pinto, 1923; R. ecuadoriensis Lent & Leon, 1958; R. nasutus Stal, 1959; R. neglectus Lent, 1954; R. neivai Lent, 1953; R. pallescens Barber, 1932; R. paraensis Sherlock, Guitton & Miles, 1977; R. pictipes Stal, (mais) 1872; R. prolixus Stal, 1859; and R. robustus Larrousse, 1927. General aspects of eggs and shells such as shape, color patterns, and size measurements are also presented. Data about changes of coloration occurred during egg maturation were recorded and related to the embryonic development. The characteristics described were utilized to work out identification keys for these Triatominae eggs, both by optical and scanning electron microscopy.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

74

Morfologia de embriões nucelares de laranja 'Valência' (Citrus sinensis (L.) Osbeck)/ Morphology of 'Valencia' sweet orange (Citrus sinensis (L.) Osbeck) nucellar embryos

Mendes-da-Glória, Fernanda Januzzi; Mourão Filho, Francisco de Assis Alves; Appezzato-da-Glória, Beatriz
2001-04-01

Resumo em português Esse trabalho teve como objetivo avaliar a morfologia de embriões nucelares de laranja 'Valência' (Citrus sinensis (L.) Osbeck) a fim de fornecer informações para estudos de embriogênese somática induzida in vitro visando o melhoramento de citros que utilizem essa variedade. Para a realização dessas avaliações, embriões coletados de sementes provenientes de frutos maduros (13 meses após o florescimento) foram fixados, desidratados e preparados para a realizaç (mais) ão dos cortes histológicos seriados. Dos embriões avaliados, apenas um apresentou a morfologia de embrião zigótico. Os demais mostraram cotilédones com angulações e formatos distintos. Foram observados embriões mal formados com a não diferenciação de ápice caulinar e/ou ápice radicular, não desenvolvimento de um dos cotilédones, além de eixo embrionário colapsado. Os dados obtidos poderão auxiliar na interpretação dos tipos morfológicos de embriões somáticos obtidos in vitro e sua capacidade de conversão em plantas. Resumo em inglês This research work evaluated the morphology of nucellar embryos of 'Valencia' sweet orange (Citrus sinensis (L.) Osbeck), in an effort to provide this information as a reference in somatic embryo induction experiments, for in vitro breeding of this cultivar. Embryos were collected from mature fruits (13 months after blooming), and were fixed, dehydrated and prepared for serial histological cuts. Among the embryos, only one presented similar morphology to a zygotic embryo, (mais) whereas the others showed different shapes and angles in the cotyledons. Not well formed embryos were also observed, mainly due to the lack of the differentiation of the shoot apex and/or root apex, undevelopment of one of the cotyledons, or sometimes due to the collapsed embryo. The results may contribute to a better understanding of different embryo morphologies of somatic embryos and their capacity to convert in plants.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

75

Superação de dormência em sementes de Zeyheria montana Mart./ Dormancy break in Zeyheria montana Mart. seeds

Dousseau, Sara; Alvarenga, Amauri Alves de; Castro, Evaristo Mauro de; Arantes, Lúcio de Oliveira; Nery, Fernanda Carlota
2007-12-01

Resumo em português Zeyheria montana Mart. (Bignoniaceae) é uma espécie medicinal conhecida como bolsa de pastor que se encontra com risco de extinção, sendo fundamental o desenvolvimento de metodologias para sua propagação e preservação. Neste estudo, avaliou-se a porcentagem de germinação e o índice de velocidade de germinação de sementes de bolsa de pastor submetidas à diferentes métodos de superação de dormência: lavagem por diferentes períodos, retirada total e parcia (mais) l da expansão alada, combinação de lavagem com retirada parcial da expansão alada e imersão em ácido clorídrico e sulfúrico, em diferentes concentrações. Como testemunha, utilizaram-se sementes intactas. O experimento foi conduzido em câmara de germinação do tipo BOD, temperatura de 25°C, fotoperíodo de 12 horas e 100% de UR. Sementes submetidas à lavagem em água corrente por 6 horas, com a retirada parcial da expansão alada, tiveram vigor e porcentagens de germinação superiores aos outros tratamentos. Os resultados demonstram que a causa de dormência em sementes dessa espécie é complexa, sendo causada por interferência no alongamento embrionário e possível presença de inibidores. Resumo em inglês Zeyheria montana Mart. (Bignoniaceae) is a medicinal species known as "bolsa de pastor" which found itself in of extinction, being essential the development of methodologies for its propagation and preservation. In this study, one evaluated the percentage of germination and speed germination index from "bolsa de pastor" seeds submitted to different methods of scarification: washing for different periods, partial and total removal of ala expansion, combination of washing w (mais) ith partial and total removal of ala expansion and, immersion in cloridric and sulfuric acid in different concentrations. The intact seeds were used as control. The experiment was conducted in germination chamber, BOD model, regulated at 25°C, 12 hours photoperiod and RH at 100%. Seeds submitted to washing in taping water for 6 hours with the partial removal of ala expansion showed higher vigor and germination percentage in relation to other treatments. The results suggest that the cause of dormancy in seeds of this species is complex, being caused by the embrionary stretching and possible presence of inhibitors.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

76

Biologia reprodutiva e reprodução induzida de duas espécies de Characidae (Osteichthyes, Characiformes) da bacia do São Francisco, Minas Gerais, Brasil/ Reproductive biology and induced breeding of two Characidae species (Osteichthyes, Characiformes) from the São Francisco River basin, Minas Gerais, Brazil

Sato, Yoshimi; Sampaio, Edson V.; Fenerich-Verani, Nelsy; Verani, José R.
2006-03-01

Resumo em português Astyanax bimaculatus (Linnaeus, 1758) e Tetragonopterus chalceus Spix & Agassiz, 1829 são duas importantes espécies de peixes forrageiros da bacia do São Francisco. Espécimes destas duas espécies foram submetidos à indução da desova através de hipofisação, para observação de aspectos reprodutivos e obtenção de subsídios para definição de protocolo de reprodução artificial. Machos e fêmeas receberam dose única de extrato bruto de hipófise de carpa co (mais) mum (6 mg/kg de peixe). A extrusão de ovócitos foi realizada cerca de 12,8 e 11 h após a aplicação da injeção de hipófise, respectivamente para A. bimaculatus e T. chalceus, com a temperatura da água a 26ºC. Mais de 70% das fêmeas das duas espécies responderam positivamente ao tratamento e as taxas médias de fertilização dos ovos foram acima de 70%. Os ovócitos de A. bimaculatus e T. chalceus são esféricos, opacos, demersais, levemente adesivos, de coloração amarela ou parda, e contendo em média respectivamente 4774 e 2563 ovos por grama de ova. O desenvolvimento embrionário nas duas espécies foi rápido, com duração de menos de um dia, estando a temperatura da água entre 24 e 25ºC. Resumo em inglês Astyanax bimaculatus (Linnaeus, 1758) and Tetragonopterus chalceus Spix & Agassiz, 1829 are two important foraging species occurring at the São Francisco River basin. Specimens from both species were submitted to spawning induction through hypophysation, to study some reproductive features and to obtain subsidiary information for the definition of the artificial reproduction protocol. Males and females were treated with a single dose of crude carp pituitary extract (6 mg (mais) /kg). In water at 26ºC, the extrusion of the oocytes was made 12,8 and 11 hours after the hypophisis injection, for A. bimaculatus and T. chalceus respectively. More than 70% of the females of both species showed a positive response to the treatment and mean egg fertilization rates were above 70%. The eggs of A. bimaculatus and T. chalceus are yellow or medium brown, spherical, opaque, demersal, and slightly adhesive. The ova contained 4774 and 2563 eggs (mean values per gram) respectively. The embryonic development in both species was fast, lasting less than a day when water temperature was between 24 and 25ºC.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

77

Efeitos de Fatores Ambientais na Reprodução de Tartarugas/ Environmental factors effects in turtles reproduction

Ferreira Júnior, Paulo Dias
2009-01-01

Resumo em português Para as espécies de tartaruga que apresentam a determinação sexual dependente da temperatura da incubação o local e o momento da desova, exercem influências que vão além da definição do sexo dos embriões. A influência do local da desova se estende a todo o desenvolvimento embrionário afetando o comportamento e o tamanho dos filhotes. O momento em que ocorre a desova trará conseqüências ao ambiente térmico dos ninhos à medida que a temperatura e a umidade (mais) variam ao longo do ano. A umidade será decisiva nas trocas hídricas e gasosas entre os ovos e o meio afetando a absorção do vitelo e o crescimento dos embriões. As cheias e os alagamentos são importantes fatores de perda de ninhos nas espécies de tartaruga de água doce. A desova no momento adequado possibilita uma incubação segura, sem a interferência de alagamentos dos ninhos e conseqüente morte dos embriões. A predação dos ninhos varia de acordo com o local da desova, o tipo e a abundância de predadores e a profundidade da câmara de ovos. A escolha de pontos de desova no interior da vegetação, onde a taxa de predação é geralmente menor, nem sempre é a estratégia mais frequentemente adotada pelas tartarugas, uma vez que esse procedimento pode levar a uma maior exposição das fêmeas aos predadores, à diminuição do sucesso da eclosão ou a alterações na razão sexual provocadas por diferenças na temperatura da incubação. Resumo em inglês Turtle species in which the sex determination is dependent of incubation temperature, the nest site and the laying moment will affect more than embryo sex determination. The influence of the laying site extends all over the embryonic development, affecting hatching weight and size. The time of the egg-laying will bring consequences to the nest thermal environment, as the temperature and humidity change throughout the year. The humidity will be decisive in gaseous and hydr (mais) ic exchanges between eggs and the environment, affecting yolk absorption and embryo growth. Floods and inundation are important factors related to nest loss in freshwater turtle species. Egg laying at the appropriated time makes a safe incubation possible, without the interference of nest inundation and subsequent embryo death. The nest predation varies according to the egg-laying site, type and abundance of predator and nest depth. The choice of areas in the middle of vegetation, where the predation rate is generally smaller, is not always the most used strategy by turtles, since this procedure can decrease the hatching success or provoke changes in sex ratio.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

78

Método de preparo das sementes de mamoneira (Ricinus communis L.) para o teste de tetrazólio/ Preparation methods for the castor bean seeds (Ricinus communis L.) tetrazoloium test

Gaspar-Oliveira, Carolina Maria; Martins, Cibele Chalita; Nakagawa, João
2009-01-01

Resumo em português O teste de tetrazólio é um método rápido e eficaz para avaliar a viabilidade e o vigor de sementes. O presente trabalho teve por objetivo padronizar o método de preparo das sementes de mamoneira (Ricinus communis L.) para a avaliação do potencial fisiológico pelo teste de tetrazólio. Foram testados os seguintes métodos de preparo das sementes: corte longitudinal mediano através do tegumento, endosperma e embrião; corte longitudinal diagonal sem atingir o eixo (mais) embrionário; remoção do tegumento; remoção do tegumento com corte longitudinal mediano através do endosperma e embrião; e remoção do tegumento com corte longitudinal mediano, paralelo aos cotilédones, através do endosperma e embrião. Antes dos preparos, as sementes foram pré-condicionadas entre papel toalha umedecido por 18 horas a 30ºC, e após os preparos, as sementes foram imersas na solução de tetrazólio na concentração de 0,5% e mantidas em câmara escura a 35ºC para o desenvolvimento da coloração. Avaliou-se a uniformidade da coloração das sementes após cada preparo, por meio da comparação entre eles. Para a avaliação do potencial fisiológico das sementes de mamoneira pelo teste de tetrazólio o método indicado de preparo é a remoção do tegumento, com posterior corte longitudinal e mediano, no sentido do comprimento, através do endosperma e embrião. Resumo em inglês The tetrazolium test is a quick and accurate method for estimating seed viability and vigor. This research had the objective of standardizing the preparation methods for castor bean seeds (Ricinus communis L.) to evaluate the physiological potential by the tetrazolium test. The evaluated seed preparation methods were: longitudinal cut through the middle of the seed coat, endosperm and embryo; longitudinal and diagonal cut without reaching the embryo; seed coat removal; se (mais) ed coat removal with longitudinal cut through the middle of the endosperm and embryo; and seed coat removal with longitudinal cut parallel to the cotyledons through the middle of the endosperm and embryo. Before carrying out the preparation methods, the seeds were preconditioned between moist paper towels for 18 hours at 30ºC, and after preparation, the seeds were immersed in tetrazolium solution at 0.5% concentration and then placed in a dark chamber at 35ºC for the staining development. The staining uniformity was evaluated after each preparation method by comparing the methods. It was concluded that the best seed preparation method was coat removal with a lengthwise longitudinal cut, through the middle of the endosperm and embryo.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

79

Influência do fotoperíodo no desenvolvimento e na reprodução de Chrysoperla externa (Hagen) (Neuroptera: Chrysopidae)/ Influence of the photoperiod on development and reproduction of Chrysoperla externa (Hagen) (Neuroptera: Chrysopidae)

Macedo, Luciano P.M.; Souza, Brígida; Carvalho, César F.; Ecole, Carvalho C.
2003-01-01

Resumo em português O conhecimento da influência de fatores abióticos sobre os aspectos bioecológicos dos crisopídeos, especialmente das espécies sul-americanas, é importante para a correta utilização desses predadores em programas de controle biológico. Esta pesquisa foi realizada com o objetivo de estudar, em laboratório, aspectos biológicos do predador Chrysoperla externa (Hagen) em diferentes condições fotoperiódicas (8L:16E, 10L:14E, 12L:12E, 14L:10E e 16L:8E), com luminos (mais) idade de aproximadamente 1.500 lux, temperatura de 25 ± 2ºC e UR de 70 ± 10%. O número de horas-luz não afetou a duração do período embrionário, o número, a duração e a viabilidade dos ínstares, bem como a mortalidade do adulto e o período de pré-oviposição. A duração das fases larval, pré-pupal e pupal diminuiu em função do aumento da fotofase. A viabilidade de ovos foi menor com 10h (85,6%) e 14h (77,8%) de luz. Observou-se uma relação inversa entre a duração da fotofase e a fecundidade, obtendo-se 778,3 ovos por fêmea a 8h de luz e de 233,0 ovos por fêmea a 16h. Não se constataram mudanças morfológicas, fisiológicas ou comportamentais que caracterizassem um sintoma de diapausa em C. externa. Esses resultados fornecem subsídios para o conhecimento do fotoperíodo ideal, visando melhorar as técnicas de criação dessa espécie em laboratório. Resumo em inglês To know the influence of abiotic factors on bioecology of Chrysopidae, especially those from South America, is important in order to use these predators in biological control programs. This research was carried out with the objective of studying, in laboratory conditions, the influence of the photoperiods 8L:16D, 10L:14D, 12L:12D, 14L:10D and 16L:8D on biological aspects of Chrysoperla externa (Hagen), with light intensity near to 1,500 lux, temperature of 25 ± 2º (mais) C and 70 ± 10% RH. The quantity of light did not affect the duration of the embryonic period, the number, duration and viability of instars, as well as adult mortality and pre-oviposition period. However, duration time of the larvae, pre-pupae and pupae decreased with the increase of the photofase. The eggs survival was smaller at 10h (85.6%) and 14h (77.8%) light. An inverse relationship was observed between photofase duration and fecundity, thus obtaining 778.3 eggs per female maintained at 8h light, and 233.0 eggs per female at 16h light. No morphological, physiological or behavioural changes were observed that could characterize a diapause symptom in C. externa population. These results help to improve the techniques for rearing the species in laboratory conditions.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

80

Coesão social e integração regional: a agenda social do MERCOSUL e os grandes desafios das políticas sociais integradas/ Social cohesion and regional integration: the MERCOSUR social agenda and the integrationist social policy major challenges

Draibe, Sônia Miriam
2007-01-01

Resumo em português As políticas sociais se encontram em estágio ainda embrionário nos processos constitutivos do MERCOSUL. Entretanto, desde a segunda metade dos anos 1990, acelerou-se o processo de construção das instituições a elas dedicadas no interior do sistema institucional do mercado comum. Tendo por foco a política de saúde e mais amplamente o sistema de políticas sociais, o artigo rastreia as razões do desequilíbrio através de três movimentos: a reconstituição da tr (mais) ajetória de construção institucional do MERCOSUL social; a identificação e confronto das sucessivas estratégias de formulação e implantação da agenda social da integração; e a reflexão sobre os dilemas e desafios que hoje cercam o tema. O estudo permite afirmar que o MERCOSUL opera com estratégias de difícil conciliação. No plano institucional, orienta-se por uma estratégia minimalista, enquanto que no plano conceitual/discursivo, maneja a estratégia maximalista da unificação supranacional das políticas sociais. O fato é que opera uma estratégia minimalista de políticas sociais, uma vez que abdica de trazer para o campo da integração social o debate e a proposição de modelos de desenvolvimento econômico e social que possam sustentar o processo efetivo de constituição da cidadania social regional. Resumo em inglês In the consolidation of the Southern Cone Common Market (MERCOSUR), social policies are still in the embryonic stage. However, since the latter half of the 1990s there has been a speedup in the creation of institutions dedicated to such policies with the Common Market's framework. This article focuses on health policy and the broader social policy system in order to identify the reasons for the imbalance, through three movements: reconstitution of the history of the insti (mais) tutional construction of social policies in MERCOSUR; identification and comparison of the successive strategies for the formulation and implementation of the social integration agenda; and reflection on the current dilemmas and challenges faced by the process. According to the study, MERCOSUR operates with strategies that are difficult to mutually reconcile. On the institutional level, it follows a minimalist strategy, while on the conceptual/ discursive level it adopts a maximalist strategy for supranational unification of social policies. The fact is that it operates a minimalist social policy strategy, since it fails to bring to the field of social integration the debate and proposals on economic and social development models that could sustain the effective construction of regional social citizenship.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

81

Coesão social e integração regional: a agenda social do MERCOSUL e os grandes desafios das políticas sociais integradas/ Social cohesion and regional integration: the MERCOSUR social agenda and the integrationist social policy major challenges

Draibe, Sônia Miriam
2007-01-01

Resumo em português As políticas sociais se encontram em estágio ainda embrionário nos processos constitutivos do MERCOSUL. Entretanto, desde a segunda metade dos anos 1990, acelerou-se o processo de construção das instituições a elas dedicadas no interior do sistema institucional do mercado comum. Tendo por foco a política de saúde e mais amplamente o sistema de políticas sociais, o artigo rastreia as razões do desequilíbrio através de três movimentos: a reconstituição da tr (mais) ajetória de construção institucional do MERCOSUL social; a identificação e confronto das sucessivas estratégias de formulação e implantação da agenda social da integração; e a reflexão sobre os dilemas e desafios que hoje cercam o tema. O estudo permite afirmar que o MERCOSUL opera com estratégias de difícil conciliação. No plano institucional, orienta-se por uma estratégia minimalista, enquanto que no plano conceitual/discursivo, maneja a estratégia maximalista da unificação supranacional das políticas sociais. O fato é que opera uma estratégia minimalista de políticas sociais, uma vez que abdica de trazer para o campo da integração social o debate e a proposição de modelos de desenvolvimento econômico e social que possam sustentar o processo efetivo de constituição da cidadania social regional. Resumo em inglês In the consolidation of the Southern Cone Common Market (MERCOSUR), social policies are still in the embryonic stage. However, since the latter half of the 1990s there has been a speedup in the creation of institutions dedicated to such policies with the Common Market's framework. This article focuses on health policy and the broader social policy system in order to identify the reasons for the imbalance, through three movements: reconstitution of the history of the insti (mais) tutional construction of social policies in MERCOSUR; identification and comparison of the successive strategies for the formulation and implementation of the social integration agenda; and reflection on the current dilemmas and challenges faced by the process. According to the study, MERCOSUR operates with strategies that are difficult to mutually reconcile. On the institutional level, it follows a minimalist strategy, while on the conceptual/ discursive level it adopts a maximalist strategy for supranational unification of social policies. The fact is that it operates a minimalist social policy strategy, since it fails to bring to the field of social integration the debate and proposals on economic and social development models that could sustain the effective construction of regional social citizenship.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

82

Interações predatórias entre Pholcus phalangioides (Fuesslin) (Araneae, Pholcidae) e Loxosceles intermedia Mello-Leitão (Araneae, Sicariidae)/ Predatory interactions between Pholcus phalangioides (Fuesslin) (Araneae, Pholcidae) and Loxosceles intermedia Mello-Leitão (Araneae, Sicariidae)

Fischer, Marta L.; Krechemer, Flávia S.
2007-06-01

Resumo em português A co-ocorrência de Pholcus phalangioides (Fuesslin, 1775) e de Loxosceles intermedia Mello-Leitão, 1934 no intra e no peridomicílio somada à natureza araneofágica e invasora de teias de P.phalangioides sugere que ambas as espécies tenham desenvolvido algum padrão de interação interespecífica. Assim, objetivou-se caracterizar essa interação e avaliar a eficiência de P.phalangioides como predador de L.intermedia. Foram realizados cinco experimentos laboratoriai (mais) s visando quantificar os padrões motores utilizados na captura de diferentes presas, preferência alimentar, influência do regime alimentar no desenvolvimento pós-embrionário e aspectos de colonização pelas duas espécies. A predação de L.intermedia foi maior apesar de P.phalangioides ser até cinco vezes mais leve. Além de nem todas as espécies do gênero Loxosceles serem predadas em igual proporção, diante de diferentes presas P.phalangioidespreferiu os insetos em detrimento de L.intermedia, sugerindo ser a araneofagia um item complementar na sua dieta. Provavelmente apenas a presença de P.phalangioides no ambiente antrópico não seja o suficiente para a manutenção das populações de Loxosceles em níveis que não causem riscos a saúde humana, porém a co-existência já confere a necessidade de uma partilha de recursos e deve ser considerada em ações de manejo. Resumo em inglês The co-occurrence of Pholcus phalangioides (Fuesslin, 1775) and Loxosceles intermedia Mello-Leitão, 1934 outdoor and indoor added to the P.phalangioides araneophagic nature and web invader habit suggest that both species have developed some pattern of interspecific interaction. Thus, we had as objective to characterize this interaction and to evaluate the efficiency of P.phalangioides as predator of L.intermedia.We made five experiments with objective of quantifying the (mais) motor patterns used in the capture of different preys, alimentary preference, influence of the diet in the post-embryonic development and colonization for the two species.The predation on L.intermedia was greater despite P.phalangioides be until five times lighter. In the presence of different prey P.phalangioides preferred the insects instead L.intermedia, suggesting being the araneophagy a complementary item in their diet. Probably only the presence of P.phalangioides in the antropic environment is not enough for the maintenance of the Loxosceles populations in levels that do not cause risks to the human health, however the co-existence already takes the need of a resources partitionship and should be considered in management actions.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

83

ASPECTOS BIOLÓGICOS DO REDUZIDO NÚMERO DE SEMENTES DA TANGERINA 'SUNKI'

CARVALHO, MARLI REZENDE TESSARINI DE; BORDIGNON, RITA; BALLVÉ, ROSA MARIA LIZANA; PINTO-MAGLIO, CECÍLIA ALZIRA FERREIRA; MEDINA FILHO, HERCULANO PENNA
1997-01-01

Resumo em português Estudaram-se as causas biológicas do reduzido número de sementes da tangerina `Sunki' (Citrus sunki Hort. ex. Tan.), promissor porta-enxerto para a citricultura brasileira. As seguintes hipóteses foram investigadas: (1) existência de uma limitação na anatomia do fruto, decorrente do pequeno número de óvulos por ovário; (2) ocorrência de esterilidade gamética em função do desenvolvimento anormal do saco embrionário e/ou dos grãos de pólen; (3) presença de (mais) auto-incompatibilidade. Realizaram-se cortes histológicos de ovários e de sacos embrionários, observações detalhadas de frutos e suas sementes, bem como polinizações com outras espécies e cultivares. Concluiu-se que apesar de a tangerina `Sunki' produzir normalmente apenas duas a três sementes viáveis, possui potencial biológico para originar até dezessete sementes por fruto. A formação de gametas tanto masculinos como femininos é normal. Quanto ao reduzido número de sementes por fruto, pode-se explicá-lo em razão do acentuado grau de auto-incompatibilidade. Quando polinizada com espécies compatíveis, há um aumento significativo no número de sementes por fruto, cuja magnitude depende do polinizador específico utilizado. Em termos biológicos, é possível e praticamente exeqüível aumentar o número de sementes da tangerina `Sunki' por meio de polinizadores adequados, no entanto, esse aumento é acompanhado pelo maior número de plantas zigóticas e não de nucelares como seria de interesse comercial. Resumo em inglês The biological causes for the reduced number of seeds per fruit in the `Sunki' mandarin (Citrus sunki Hort. ex Tan.), a promising citrus rootstock in Brazil, were studied. Three hypotheses were investigated: (1) existence of an anatomical limitation related to a reduced number of ovules in the ovary; (2) occurrence of sterility due to abnormal formation of the embryo sac and/or pollen grains; (3) self-incompatibility. Histological studies of the ovary, observations of fru (mais) its, seeds, and pollen grains as well as pollinations with other citrus species led to the conclusion that although `Sunki' fruits usually bear only two or three viable seeds, they have however, a biological potential to produce up to 17 seeds. The formation and viability of male and female gametes are normal. The main reason for the reduced number of seeds is the self-incompatibility of this clone. When pollinated with other species, there is a significant increase in the number of seeds/fruit of a magnitude dependent on the pollen source. Therefore, it is possible to increase the number of seeds/fruit with adequate pollinators although this will result in substantial increase only in the number of zygotic plants and not in the nucellar ones as would be commercially desirable.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

84

Biologia da mosca-megra-dos-citros, Aleurocanthus woglumi Ashby(Hemiptera: Aleyrodidae), em três plantas hospedeiras/ Biology of the citrus blackfloy, Aleurocanthus woglumi Ashby (Hemiptera: Aleyrodidae), in three host plants

Pena, Márcia R; Silva, Neliton M da; Venframim, José D; Lourenção, André L; Haddad, Marineia de L
2009-04-01

Resumo em português A mosca-negra-dos-citros, Aleurocanthus woglumi Ashby, foi detectada no Brasil em 2001. O objetivo deste estudo foi avaliar a biologia, a biometria e a preferência hospedeira de A. woglumi em três plantas hospedeiras (laranja doce, lima ácida Tahiti e manga). Para isso, foram montados experimentos em laboratório, de janeiro a junho de 2006, com insetos coletados em plantas de limão-cravo, C. limonia na área de produção da Faculdade de Ciências Agrárias - UFAM. N (mais) o estudo da preferência hospedeira, foram avaliados: número de espirais (posturas) e de ovos por planta, número de ovos por espiral por planta, sobrevivência dos imaturos (ovos, ninfas de 1º, 2º, 3º e 4º estádios), enquanto no experimento de biologia foram avaliadas a duração e sobrevivência da fase imatura. O período embrionário foi de 15 dias em média para os três hospedeiros. O estádio de ninfa 4 (pupário) foi o mais longo quando comparado com as outras fases de desenvolvimento. A sobrevivência foi maior nas fases de ninfa 3, ovo e ninfa 2. A duração média do ciclo ovo-adulto foi de 70 dias para os três hospedeiros avaliados. Os ovos são colocados em forma de espiral na face inferior das folhas. As ninfas de 1º estádio locomovem-se a pequenas distâncias da espiral, enquanto as de 2º, 3º e 4º são sésseis e têm cerdas em todo o corpo. Com base na maior oviposição e sobrevivência da fase imatura da mosca-negra em lima ácida Tahiti, esta planta pode ser considerada o hospedeiro mais favorável para A. woglumi. Resumo em inglês The citrus blackfloy, Aleurocanthus woglumi Ashby, was detected in Brazil in 2001. The aim of this research was to evaluate the biology, biometry and host preference of A. woglumi in sweet orange, acid lime Tahiti and mango. Experiments were set in laboratory conditions with insects collected in rangpur lime plants in Manaus, State of Amazonas, from January to June of 2006. The following parameters were evaluated: number of spirals (ovopositions) and eggs per plant, numbe (mais) r of eggs by spiral per plant, survival of the immatures (eggs, 1st, 2nd, 3rd and 4th instars), and length and survival of the immature stage. The mean embrionary period was 15 days for the three hosts. The 4th nymph (puparium) was the longest during nymph development. Second and third instars had the highest survival. The mean length of the egg-adult cycle was 70 days for the three hosts evaluated. The eggs were laid in a spiral shape on the adaxial leaf surface. The 1st instars moved to short distances from the spiral, while the 2nd, 3rd and 4th are sessile and have bristles on the whole body. Based on the highest oviposition and the highest survival of the immature stage of the citrus blackfloy in acid lime Tahiti, this plant can be considered the most suitable host to A. woglumi.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

85

Morfoanatomia e ontogênese das sementes de espécies de Banisteriopsis C.B. Robinson e Diplopterys A. Juss. (Malpighiaceae)/ Morphology, anatomy and ontogeny of the seeds of Banisteriopsis C.B. Robinson and Diplopterys A. Juss. (Malpighiaceae) species

Souto, Letícia Silva; Oliveira, Denise Maria Trombert
2008-09-01

Resumo em português Banisteriopsis e Diplopterys apresentam em conjunto aproximadamente 100 espécies e ocorrem em todo o continente americano, especialmente na América do Sul. Pouco se conhece sobre a estrutura dos órgãos reprodutivos de Malpighiaceae e este trabalho objetiva analisar morfoanatômica e ontogeneticamente sementes de B. campestris, B. oxyclada, B. stellaris e D. pubipetala. Os óvulos são suspensos, subcampilótropos, bitegumentados e crassinucelados. O tegumento interno (mais) é mais curto que o externo, que forma a micrópila. O nucelo é muito amplo e se projeta pela micrópila, ficando em contato direto com o obturador funicular, estrutura menos conspícua em D. pubipetala. As sementes de Banisteriopsis e Diplopterys são pequenas, amarelo-escuras, com paquicalaza; na maturidade, o envoltório seminal encontra-se colapsado, distinguindo-se apenas a exotesta com compostos fenólicos e resíduos da vascularização; são sementes exalbuminosas e o embrião preenche toda a cavidade seminal; tem eixo embrionário reto e curto, com cotilédones carnosos bem desenvolvidos. A reserva embrionária é composta basicamente por lipídeos, havendo pequenos grãos de amido dispersos; muitas drusas também são observadas. A estrutura e desenvolvimento das sementes estudadas são muito semelhantes entre si e às demais Malpighiaceae já descritas. Constituem novos registros para a literatura a presença de obturador e de paquicalaza em Malpighiaceae. Resumo em inglês Banisteriopsis and Diplopterys together have ca. 100 species and occur throughout the Americas, especially in South America. The structure of the reproductive organs of Malpighiaceae is poorly known, so this work aims to analyze the morphology, anatomy and ontogeny of the seeds of B. campestris, B. oxyclada, B. stellaris and D. pubipetala. The ovules are suspended, subcampylotropous, bitegmic and crassinucellate. The inner integument is shorter than outer, and only the la (mais) tter constitutes the micropyle. The nucellus is very large and projects through micropyle, coming in contact with the funicular obturator which is less conspicuous in D. pubipetala. Banisteriopsis and Diplopterys have small, dark yellow pachychalazal seeds; at maturity, the seed coat collapses, and only the exotesta with phenolic compounds and vascular residues can be distinguished; the seeds are exalbuminous and the embryo fills the seminal chamber; it has a short, straight embryo axis, with well-developed fleshy cotyledons. The embryo reserve is composed basically of lipids, with small, scattered starch grains; many druses are also observed. Structure and development of these seeds are very similar to one another and to other Malpighiaceae already described. This is the first report of obturator and pachychalaza in Malpighiaceae.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

86

Estudos morfológicos de frutos, sementes e plântulas de Enterolobium schomburgkii Benth. (Leguminosae-Mimosoideae)/ Morphological studies of Enterolobium schomburgkii Benth. (Leguminosae-Mimosoideae) fruits, seeds and seedlings

Ramos, Michele Braule Pinto; Ferraz, Isolde Dorothea Kossmann
2008-06-01

Resumo em português Enterolobium schomburgkii Benth. (orelha-de-macaco) é uma árvore de interesse madeireiro que possui potencial para plantios florestais em áreas degradadas, por ser heliófila e nodulífera. Os objetivos deste trabalho foram caracterizar morfologicamente os frutos, sementes e plântulas e definir o estádio de desenvolvimento da "plântula normal" de E. schomburgkii, visando fornecer informações valiosas para a padronização dos estudos de propagação da espécie na (mais) área de tecnologia de sementes. O fruto é um legume nucóide, sublenhoso, polispérmico, auriculiforme e circular, com as dimensões de 21,2 × 3,2 cm para o legume estendido; e 6,2 ×5,9 ×0,5 cm para o fruto na forma original. O peso fresco de um fruto foi de 6,7 g, com 16,1 sementes sadias por fruto, sendo necessários 62 frutos para obter 1.000 sementes sadias. O número de sementes por quilograma foi de 18.749 e o peso de mil sementes foi de 53,6 g. A semente é elipsóide, de superfície lisa, brilhosa, marrom-amarelo escuro, com as dimensões de 8,0 ×3,9 ×2,6 mm e peso de 0,054 g. O eixo embrionário é reto e visível, com plúmula bem desenvolvida. Observou-se que a germinação é do tipo epígea fanerocotiledonar, com cotilédones foliáceos. A protrusão da raiz primária foi de 95,7%, e para a formação de plântulas normais foi de 80,2%. A "plântula normal" foi formada entre 7 e 15 dias após a semeadura, possuindo raiz primária bem desenvolvida, raízes secundárias curtas, hipocótilo alongado, cotilédones semi-abertos e primeiros eofilos visíveis, com o mesmo comprimento dos cotilédones. Resumo em inglês Enterolobium schomburgkii Benth. ("orelha-de-macaco") is a valuable shade intolerant timber species, because it produces nodules, it has a great potential for plantation in degraded areas. The objective of this propagation study was to describe morphologically fruits, seeds and seedlings and define the "normal seedling" of E. schomburgki in order to provide important information for the development of seed technology. The fruit is a nutant legume, sub woody, polyspermic, (mais) with strombus and circular form. The dimensions of the fruit are 21.2 ×3.2 cm as extended legume and 6.2 ×5.9 ×0.5 cm in original form. Fresh weight of fruit averaged 6.7 g, with 16.1 healthy seeds per fruit; 62 fruits contain 1,000 healthy seeds. The number of fruit per kilogram was 18,749 and the weight of 1,000 seeds was 53.6 g. The seed is elliptic, with soft surface, brightness, dark yellowish brown, with size of 8.0 ×3.9 ×2.6 mm and fresh weight averaging 0.054 g. The embryonic axis is rectilinear and visible, with plumule well developed. The germination is epigeous phanerocotyledonary, with foliaceous cotyledons. Root protrusion averaged 95.7%, and 80.2% for normal seedling formation. The "normal seedling" was developed 7 to 15 days after sowing, with primary root well developed, secondary roots small, long hypocotyl, semi-open cotyledons and first leaf visible, with the same size of cotyledons.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

87

Caracterização morfológica de frutos e sementes e desenvolvimento pós-seminal de Tamarindus indica L. - Leguminosae: caesalpinioideae/ Tamarind fruit and seed morphological characterization and post-seminal development Leguminosae: caesalpinioideae

Sousa, Danielle Marie Macedo; Bruno, Riselane de Lucena Alcântara; Dornelas, Carina Seixas Maia; Alves, Edna Ursulino; Andrade, Albericio Pereira de; Nascimento, Luciana Cordeiro do
2010-12-01

Resumo em português O tamarindeiro (Tamarindus indica L.) pertence à família Leguminosae e é uma árvore frutífera, nativa da África tropical, de onde se dispersou por todas as regiões tropicais do mundo. A caracterização morfológica de frutos e sementes é importante para identificação das espécies, bem como serve de base para estudos que visem a maiores conhecimentos ligados à germinação e vigor. Este trabalho teve por objetivo descrever a morfologia de frutos, sementes e pl (mais) ântulas, bem como caracterizar o processo germinativo de Tamarindus indica L. Para o estudo do fruto, foram observados tipo, cor, dimensões, textura e consistência do pericarpo e deiscência e número de sementes por fruto. Os aspectos observados nas sementes foram: cor, dimensões, textura e consistência dos tegumentos; e forma, borda, posição do hilo e de outras estruturas presentes e características do embrião. O estádio de plântula foi considerado quando os protófilos já estavam totalmente formados. Os elementos vegetativos descritos e ilustrados foram radícula, coleto, hipocótilo, cotilédones, epicótilo, protófilos e caule. O fruto de Tamarindus indica é um legume indeiscente medindo aproximadamente 7,3 a 9,2 cm e contendo de 1 a 11 sementes. O eixo embrionário encontra-se inserido nos cotilédones, sendo axial e invaginado. A germinação da semente é do tipo epígea. A plântula apresenta protófilos compostos de seis a nove pares de folíolos pequenos opostos e glabros. Resumo em inglês Tamarind (Tamarindus indica L.) is a fruit tree native of tropical Africa, belonging to the Leguminosae family and nowadays is spread along tropical regions of the world. Fruit and seed morphologic characterization is important for species identification and has been used in studies on seed germination and vigor. The main aim of this research work was to describe fruit, seed and seedlings morphology as well as characterizing its germination process. Fruit traits analyzed (mais) were type, color, dimensions, texture and consistency of pericarp, dehiscence and number of seeds for fruit. On the other hand, seed traits were scored as to color, dimensions, texture and consistency of the teguments, shape, edges, position of hilum and other structures and embryo characteristics. Seedlings were recorded when protophylls development had already been complete. Radicle, collect, hypocotyl, cotyledons, epicotyl and protophyll have been described and illustrated. T. indica presents an indehiscent fruit with dimensions around 7.3 and 9.2cm and containing 1-11 seeds. The embryonic axle is axial and invagined and is inserted into cotyledons. Seed germination is an epigeal-type and seedlings present protophyll composites with 6 and 9 pairs of opposing and glabrous and small leaflets.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

88

Aspectos biológicos de Leucothyreus dorsalis Blanchard (Coleoptera, Scarabaeidae, Rutelinae)/ Biological aspects of Leucothyreus dorsalis Blanchard (Coleoptera, Scarabaeidae, Rutelinae)

Rodrigues, Sérgio Roberto; Puker, Anderson; Tiago, Elison Floriano
2010-01-01

Resumo em português No Brasil existe uma escassez de informações sobre a bioecologia da maioria das espécies de Scarabaeidae. O objetivo do presente trabalho foi estudar os aspectos biológicos de Leucothyreus dorsalis Blanchard, 1850 em laboratório e a campo. A dinâmica populacional dos adultos foi avaliada de janeiro de 2006 a dezembro de 2007, com uso de armadilha luminosa. Adultos coletados em campo foram mantidos em recipientes de plástico contendo solo e mudas de Brachiaria decum (mais) bens Stapf, para obtenção de ovos e dar início aos estudos. Todos os estágios de desenvolvimento foram acompanhados e adultos e imaturos foram mensurados para obtenção de dados biométricos. Foram coletados 3.607 adultos e os picos populacionais de coleta ocorreram em novembro de 2006 e outubro de 2007, com média de 145 e 241 indivíduos coletados, respectivamente. O período embrionário durou em média 15,5 dias, o primeiro instar 32,4 dias, o segundo 38,9 dias, o terceiro 52,7 dias, a fase de pré-pupa 130,7 dias, a fase pupal 23,5 dias e a longevidade 18 dias. O ciclo biológico completou-se em 273,5 dias, o que caracteriza a espécie como univoltina. Verificou-se que do primeiro ao terceiro instar houve um aumento de 4,5 vezes no comprimento e de 3,5 vezes na largura das larvas. Observou-se um aumento de 53,1 vezes no peso larval do primeiro para o terceiro instar. As pupas das fêmeas foram significativamente maiores e mais pesadas que a dos machos. As fêmeas adultas foram maiores que os adultos machos, porém, apresentaram peso semelhante. Resumo em inglês In Brazil there is a shortage of information on bioecology of most species of Scarabaeidae. The aim of this work was to study the biological aspects of Leucothyreus dorsalis Blanchard, 1850 in laboratory and field. The population dynamics of adults was evaluated from January, 2006, to December, 2007, with the use of light traps. Adults collected in the field were kept in plastic recipients containing soil and seedlings of Brachiaria decumbens Stapf, to obtain eggs and sta (mais) rt the studies. All developmental stages were monitored and adults and immatures measured to get biometric data. 3,607 adults were collected and the population peaks occurred in November, 2006 and October, 2007, with averages of 145 e 241 individuals collected, respectively. The embryonic period took in the average 15.5 days, the 1st instar 32.4 days, the 2nd instar 38.9 days, the 3rd instar 52.7 days, the pre-pupa 130.7 days, the pupa 23.5 days and the longevity of adults 18 days. The biological cycle was completed in 273.5 days, characterizing the specie as univoltine. From the first to the third instar it was observed an increasing of 4.5 times in the extension and 3.5 times in the width of the larvae. There was an increase of 53.1 times in the larval weight from the first to the third instar. The female pupae were significantly larger and heavier than the male ones. The adult females are larger than the adult males, however, they have similar weight.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

89

Seletividade de inseticidas usados na cultura da macieira a ovos de Chrysoperla externa (Hagen, 1861) (Neuroptera: Chrysopidae)/ Selectivity of insecticides used in apple orchards to eggs of Chrysoperla externa (Hagen, 1861) (Neuroptera: Chrysopidae)

Ferreira, Antônio José; Carvalho, Geraldo Andrade; Botton, Marcos; Mendonça, Lúcia Aparecida; Corrêa, Alan Rodrigo Batista
2005-08-01

Resumo em português Neste trabalho, foi avaliado o efeito de inseticidas sobre ovos de duas populações de Chrysoperla externa (Hagen, 1861) (Neuroptera: Chrysopidae). O trabalho foi realizado em laboratório (25±2°C, UR de 70±10% e fotofase de 12 horas) avaliando-se inseticidas, nas concentrações indicadas pelos fabricantes e/ou que estão em fase de pesquisa para o controle da mariposa-oriental, lagarta-enroladeira e mosca-das-frutas na cultura da macieira. Os produtos (mais) e dosagens (g ou mL do p.c. 100L-1 de água) avaliados foram: fosmet (Imidan 500 PM - 200), metoxifenozide (Intrepid 240 SC - 60), tebufenozide (Mimic 240 SC - 60), benzoato de emamectina (Proclaim 5 SG - 15), spinosad (Tracer 480 SC - 20), etofenprox (Trebon 100 SC - 150), clorpirifós etil (Lorsban 480 BR - 150) e testemunha (somente água). As pulverizações foram realizadas em ovos com até 12 horas de idade, utilizando-se torre de Potter. Avaliaram-se a viabilidade dos ovos, o período embrionário, e a sobrevivência das larvas de primeiro e segundo estádios provenientes dos ovos tratados. A toxicidade dos produtos foi determinada em função da mortalidade acumulada do predador durante o seu desenvolvimento, classificando-os conforme escala proposta pela IOBC. As duas populações de C. externa apresentaram o mesmo padrão de resposta aos produtos fitossanitários avaliados quando aplicados sobre ovos. Fosmet, metoxifenozide, tebufenozide, benzoato de emamectina, spinosad e etofenprox foram considerados inócuos, e clorpirifós etil levemente nocivo a ovos de C. externa, provocando a redução de 43,7% na viabilidade dos ovos e afetando em 20% a sobrevivência das larvas de primeiro estádio originadas dos ovos tratados. Resumo em inglês The effect of some insecticides on eggs of two populations of Chrysoperla externa (Hagen, 1861) (Neuroptera: Chrysopidae) were evaluated under laboratory conditions (25±2°C, RH of 70±10% and 12 hours-photophase). The compounds were used at commercial or research concentrations used to control oriental fruit moth, leaf roller and fruit fly on apple orchards. The products and rates (g ou mL of formulated product 100L-1 of water) evaluated were: phosmet (Im (mais) idan 500 PM - 200), methoxyfenozide (Intrepid 240 SC - 60), tebufenozide (Mimic 240 SC - 60), emamectin benzoate (Proclain 5 SG - 15), spinosad (Tracer 480 SC - 20), etofenprox (Trebon 100 SC - 150) and chlorpyrifos (Lorsban 480 BR - 150), using water as control. Spraying of insecticides was on eggs (12 hours old) using the Potter tower. Survival and the period of the developmental stages were evaluated from treated eggs to the second-instar larvae, according to the IOBC recommendations. Both C. externa populations showed similar results for compounds applied. Phosmet, methoxyfenozide, tebufenozide, emamectin benzoate, spinosad and etofenprox were harmless, whereas chlorpyrifos was slightly harmful to C. externa, killing 43,7% of the eggs and 20% of the first-instar larvae from the treated eggs.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

90

O processo criativo e a tessitura de projetos acadêmicos de pesquisa

Pontes, Carlos Antonio Alves; Menezes Filho, Abel; Costa, André Monteiro
2005-08-01

Resumo em português Este artigo pretende contribuir para o processo de criação de textos e projetos de pesquisa acadêmicos por estudantes de pós-graduação. Tomamos por base uma concepção construtivista do conhecimento, a aprendizagem como um processo contínuo de recomposição das estruturas cognitivas e contribuições de Humberto Maturana quanto ao papel central da emoção e da linguagem no nosso devir. É a partir de uma metáfora, a embriogênese, que propomos a geração de um (mais) projeto que, partindo de uma estrutura-padrão, vá constituindo-se em movimentos sucessivos, de forma similar ao desenvolvimento embrionário, associando seus componentes a células indiferenciadas que vão, simultaneamente, diferenciando-se e dando origem a esse todo-projeto. Ademais, incorporamos sugestões de um roteiro de critérios, para avaliar a redação, e de reflexões acerca dos fluxos emocionais e atitudes perante o desafio diante do papel ou da tela em branco, que nos podem auxiliar na vivência do processo criativo, de modo mais produtivo, consistente e prazeroso. Resumo em espanhol Este artículo pretende contribuir al proceso de creación de textos y proyectos de investigación académica, por estudiantes de postgrado. Tomamos como base una concepción constructivista del conocimiento; el aprendizaje como un proceso continuo de recomposición de las estructuras cognitivas y contribuciones de Humberto Maturana en lo que respecta al papel central de la emoción y del lenguaje en nuestro devenir. Es a partir de una metáfora, a embriogénesis, que pro (mais) ponemos la generación de un proyecto que, partiendo de una estructura estándar, se va constituyendo en movimientos sucesivos, de forma similar al desarrollo embrionario, asociando sus componentes a células indiferenciadas que van, simultáneamente, diferenciándose y dando origen a ese todo-proyecto. Además, incorporamos sugerencias de un guión de criterios, para evaluar la redacción, y de reflexiones acerca de los flujos emocionales y actitudes ante el desafío frente al papel o frente a la pantalla en blanco, que pueden auxiliarnos en la vivencia del proceso creativo, de forma más productiva, consistente y placentera. Resumo em inglês This article aims to contribute to the study of the production of academic texts and research projects by post-graduate students. It relies on the constructivist conception of knowledge, whereby learning is seen as a continuous process of recomposition of cognitive structures, with contributions from Humberto Maturana on the central role of emotion and language in coming-to-be. It is suggested that the metaphor of embryogenesis is an apt one for the evolution of a researc (mais) h project. The research project begins with a template and takes shape during the course of successive phases, like an embryo, attributing its components to undifferentiated cells, which simultaneously differentiate themselves, giving rise to the project as a whole. The article also presents a series of criteria for evaluation of writing and reflection based on flows of emotion and attitudes, as a way of overcoming the challenge posed by the blank page or screen, which can help us to use our creative process in a more productive, consistent and pleasurable manner.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

91

Avaliação do efeito cumulativo do antimoniato de meglumina sobre a prole de camundongos swiss: ensaio biológico/ Evaluate the cumulative effect of meglumine antimoniate on the progeny of swiss mice: biologic assay

Santos, Michelle Rodrigues dos; Krignl, Clarisse Juliana; Nava, Alexandra; Reik, Camila Michele Sabedot; Silva, Fabiana Ernestina Barcellos da; Roman, Silvane Souza
2008-02-01

Resumo em português OBJETIVOS: Avaliar o efeito do antimoniato de meglumina na transferência materno-fetal na geração F1 (prole de matrizes expostas ao composto), e conseqüências em progênies F2. MÉTODOS: Camundongos fêmeas Swiss foram tratados com antimoniato de meglumina, via subcutânea, com administração diária, do sétimo ao 12º dia de gestação (ddg), na dose equivalente a 100mgSb v/kg peso/dia. O grupo controle recebeu apenas o veículo (água destilada). Após o nascimen (mais) to da prole (geração F1), 59 fêmeas foram examinadas diariamente para determinação do ciclo estral. Quando determinado o ciclo estro, acasalou-se 18 fêmeas com machos da mesma linhagem. No 18º ddg, as fêmeas foram eutanasiadas por câmara de CO2, o abdômen incisado e o útero exposto, quando avaliou-se os sítios de desenvolvimento embrionário e fetal quanto ao número de reabsorções, fetos vivos e mortos. Todos os fetos e placentas foram pesados para calcular o índice placentário. Três placentas de cada ninhada foram separadas para análise microscópica. RESULTADOS: A exposição ao antimoniato de meglumina não interferiu no ciclo estral dos animais tratados, pelo fato de não alterar o intervalo precoital e o índice de fertilidade. Não foram observadas alterações placentárias em progênies F2. CONCLUSÃO: O antimoniato de meglumina não altera a performance reprodutiva das mães expostas cronicamente. Estes dados sugerem que ocorre uma gradual eliminação do antimoniato de meglumina no organismo materno, sem acarretar danos a proles futuras. Resumo em inglês OBJECTIVES: Evaluate the effect of Meglumine Antimoniate on maternal-fetal transference in F1 generations (offspring of dams exposed to the drug), and embryotoxicity in F2 generations. METHODS: Female Swiss mice were treated with daily s.c. injection of Meglumine Antimoniate (100mgSb v/kg bw/day) from day 7 until day 12 of pregnancy. The control group received only the vehicle (distilled water). After birth of offspring (F1 generation), 59 females were examined daily for (mais) determination of the estral cycle. When the cycle estrus was determined, males were mated with 18 females of the same lineage. On day 18 of pregnancy, females were euthanasied in a chamber of CO2 and after incision of the abdomen, the uterus was exposed. Then, resorptions as well as living and dead fetuses were evaluated, also the number of embryo/fetal implantation sites. Fetuses and their placenta were weighted to calculate the placental index. Three placentas of each litter were separated for microscopic analysis. RESULTS: Administration of the Meglumine Antimoniate did not interfere in the estral cycle of the treated group, since it did not alter the precoital interval and fertility index. Placenta alterations were not observed in the F2 generations. CONCLUSION: Meglumine Antimoniate did not interfere in the reproductive performance, after chronic exposition of dams. Data suggest that there is a gradual elimination of Meglumine Antimoniate by the maternal organism without damaging the future offspring.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

92

Criopreservação de ovócitos de bovinos imaturos desnudados ou não, utilizando o etilenoglicol pelo método da vitrificação/ Cryopreservation of bovines immature oocytes desnudes or not, by the ethylene glycol vitrification method

Costa, Eduardo Paulino da; Guimarães, José Domingos; Torres, Ciro Alexandre Alves; Fagundes, Letícia Martins; Gioso, Marilú Martins
2002-06-01

Resumo em português Objetivou-se avaliar os efeitos da vitrificação em ovócitos de bovinos após o cultivo in vitro, utilizando o etilenoglicol como crioprotetor. Ovócitos obtidos de ovários de vacas abatidas em matadouro foram distribuídos aleatoriamente em três tratamentos. Tratamento 0 (testemunha): ovócitos não-desnudados e não-congelados. Tratamento 1: vitrificação de ovócitos imaturos não desnudados, desidratados previamente por cinco minutos em três soluções contendo (mais) 20, 20 e 40% de etilenoglicol, acrescidas de 0,3 mol L-1 de trehalose e 20% de PVP, em meio de Talp Hepes. Tratamento 2: vitrificação de ovócitos imaturos desnudados, conforme o Tratamento 1. Após o descongelamento (imersão em banho-maria a 30ºC por 20 segundos), os ovócitos foram reidratados gradativamente, mantendo-os por 6 minutos em cada uma das soluções a seguir, sucessivamente: meio Talp Hepes com 20% de etilenoglicol + 0,3 mol L-1 de trehalose + 10% de PVP e meio Talp Hepes sem etilenoglicol, trehalose e PVP, onde foram lavados três vezes. Posteriormente, os ovócitos foram cultivados a 38,5ºC, com 95% de umidade e atmosfera de 5% de CO2 por 24 horas. Após o cultivo, os ovócitos foram fecundados e os embriões cultivados in vitro por sete dias. Foi encontrada uma taxa de maturação nuclear de 81 (68/84), 19 (7/36) e 0% (0/31), nos Tratamentos 0, 1 e 2, respectivamente. As taxas de clivagem e de desenvolvimento embrionário foram de 56,4 (102/181) e 54,9% (56/102), 1,7 (1/60) e 0,0% (1/60), 0,0 (0/71) e 0,0% (0/71), nos Tratamentos 0, 1 e 2, respectivamente. Esses resultados indicam que o procedimento de vitrificação, segundo os protocolos utilizados, não é indicado para a criopreservação de ovócitos de bovinos. Resumo em inglês The objective was to evaluate the effects of vitrification of immature bovine oocytes after in vitro culture, by the use of cryoprotectors ethylene glycol. Oocytes from cows ovaries from slaughters houses were randomly alocated into three treatments. Treatment 0 (control): frozen-thawed undesnude oocytes; treatment 1, immature vitrificated undesnude oocytes dehydrated for 5 minutes in each of the following solutions of 20, 20 and 40% of ethylene glycol, respectively, asso (mais) ciated to 0.3 Mol l-1 of trehalose and 20% of PVP, in media Talp Hepes, and, treatment 2, the same as treatment 1, but desnudes oocytes. After frozen-thawed of the oocytes (imersion in water bath at 30ºC for 20 seconds), the oocytes were gradually rehydrated, in the following sequence of solutions: media Talp Hepes with 20% of ethylene glycol + 0.3 Mol l-1 of trehalose + 10% of PVP and media Talp Hepes without ethylene glycol, trehalose and PVP, were washed three times. Ultimately, the oocytes were cultured at 38.5ºC, with 95% umidity and atmosphere of 5% of CO2 for 24 hours. After culture, the oocytes were fertilized and the embryos cultured in vitro for seven days. The nuclear maturation were 81 (68/84), 19 (7/36) and 0% (0/31), for treatments 0, 1 and 2, respectively. The cleavage and development rates were: 56.4(102/181) and 54,9% (56/102), 1,7. (1/60) and 0,0% (1/60), 0,0 (0/71) and 0,0% (0/71), for the treatments 1, 2 e 3, respectively. These results show that the vitrification procedures, by the used protocols, are not indicated for bovine oocytes cryopreservation.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

93

Morfoanatomia e ontogênese do fruto e semente de Styrax camporum Pohl. (Styracaceae), espécie de cerrado do Estado de São Paulo/ Morphology, anatomy and ontogeny of the fruit and seed of Styrax camporum Pohl. (Styracaceae), a "cerrado" species of the São Paulo State

Julio, Pricila Greyse dos Santos; Oliveira, Denise Maria Trombert
2007-06-01

Resumo em português Foram estudados os frutos e sementes de Styrax camporum Pohl. (Styracaceae), espécie arbórea típica dos cerrados brasileiros, objetivando descrever sua morfologia, anatomia e ontogênese. Amostras de frutos e sementes foram coletadas e processadas pelas técnicas convencionais. Os frutos em desenvolvimento foram enquadrados em quatro estádios: I - estádio inicial, caracterizado pelos ovários dos botões florais; II - ovário de flor pós-antese e frutos jovens; III (mais) - frutos pré-maturação; IV - frutos maduros. Verificou-se que o fruto é carnoso e monospérmico, com cálice persistente. O pericarpo apresenta exocarpo unisseriado, com tricomas estrelados lignificados e células de formato abaulado e tamanhos irregulares. O mesocarpo externo se constitui de tecido parenquimático multisseriado, alongado radialmente na maturidade. Feixes vasculares estão presentes no terço interno do mesocarpo. Apesar do fruto desta espécie ser classificado como drupa, observou-se que o mesocarpo interno e o endocarpo são compostos apenas por poucas camadas de fibras, não formando o pirênio com a dureza típica desse tipo de fruto; também não se observa o concrescimento do endocarpo com o tegumento. A semente é típica da família Styracaceae, ou seja, é unitegumentada, apresentando testa multisseriada e bastante espessa, sendo a exotesta unisseriada. Na mesotesta externa, verificam-se várias camadas de braquiesclereídes. Internamente a essas células, ocorrem diversos feixes vasculares, seguidos por numerosas camadas de células parenquimáticas, que contêm evidente reserva de substâncias lipídicas. O embrião é axial, reto e espatulado, constituído pelo eixo embrionário típico e cotilédones foliáceos. Resumo em inglês We studied the fruits and seeds of Styrax camporum Pohl. (Styracaceae), a typical tree of the Brazilian "cerrado", aiming to describe their morphology, anatomy, and ontogeny. Samples of fruits and seeds were collected and processed by standard techniques. Developing fruits were classified into four stages: I - initial stage, characterized by ovaries of the floral bud; II - ovary of the flower in post-anthesis and young fruits; III - pre-mature fruits; IV - mature fruits. (mais) The fruit is fleshy and monospermic, with a persistent calyx. The pericarp presents a uniseriate exocarp, with stellate lignified trichomes and dome-shaped cells of irregular sizes. The outer mesocarp consists of multisseriate parenchyma, radially elongated at maturity. Vascular bundles are observed in the inner third part of the mesocarp. In spite of the fruit of this species to be classified as a drupe, its inner mesocarp and endocarp are composed by a few fiber layers only, without forming the pyrene with the typical hardness of these kind of fruit. The endocarp fusion with the seed coat is not seen. The seed is typical of the Styracaceae; it is unitegmic, with multiseriate and thick testa. The exotesta is uniseriate and some layers of stone cells are seen in the outer mesotesta. Internally to these cells, some vascular bundles occur, followed by many layers of parenchyma cells, containing evident lipid reserve. The embryo is axial, straight and espatulate, consisting of a typical embryonic axis and leaf-like cotyledons.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

94

Reprodução do pirá-brasília, Simpsonichthys boitonei Carvalho (Cyprinodontiformes, Rivulidae), e caracterização de seu habitat na Reserva Ecológica do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística, Brasília, Distrito Federal, Brasil/ Reproduction of pira-brasília, Simpsonichthys boitonei Carvalho (Cyprinodontiformes, Rivulidae) and its habitat characterization in the Reserva Ecológica do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística, Brasília, Distrito Federal, Brazil

Shibatta, Oscar A.
2005-12-01

Resumo em português Este trabalho teve como objetivo analisar a reprodução e as características físicas e químicas do habitat de Simpsonichthys boitonei Carvalho, 1959, uma espécie rara e endêmica do Distrito Federal. Os peixes foram coletados com peneira em uma poça temporária localizada na Reserva Ecológica do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (RECOR), bacia do rio Taquara, Distrito Federal. Os exemplares foram medidos (comprimento total em mm) e pesados (peso tota (mais) l, peso das gônadas femininas e peso do corpo em gramas) para o cálculo do fator de condição (K), do índice gonado-somático (IGS) e do índice gonadal (IG). Também foram feitas análises físicas e químicas do ambiente. O brejo permaneceu com água durante oito meses (de dezembro a agosto), com transparência total, profundidade não ultrapassando 25 cm, condutividade menor que 15 µS/cm e pH entre 4,70 a 5,11. O oxigênio dissolvido variou entre 2,60 a 4,15 ppm, e a temperatura da água entre 20 a 25,5ºC. A análise da reprodução evidenciou que são peixes de desova parcelada, cujas fêmeas adultas permanecem com fator de condição alto durante boa parte da vida, diminuindo à medida que envelhecem. Os ovos foram depositados no substrato, e o período de incubação variou de 55 a 100 dias. Em laboratório esses ovos foram mantidos em água, onde 15,4% completaram o desenvolvimento embrionário. A proporção de fêmeas foi significativamente maior que a de machos. Pelas características acima, pode-se inferir que duas gerações do pirá-brasília podem ser encontradas no mesmo período de inundação. Resumo em inglês This study aims to analyze the reproduction and the physical and chemical characteristics of the habitat of Simpsonichthys boitonei Carvalho, 1959, a rare and endemic species of Distrito Federal. The fish were collected with sieve in a temporary pool located in the Reserva Ecológica do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (RECOR), rio Taquara basin, Distrito Federal. The specimens were measured (total length in mm), weighted (total weight, feminine gonad weig (mais) ht and body weight in grams), for calculation of condition factor (K), gonad-somatic index (IGS) and gonad index (IG). Physical and chemical analyses of environment were also made. The temporary pool was filled with water for eight months (December to August), with total transparency, depth not surpassing 25 cm, conductivity smaller than 15 µS/cm and pH among 4,70 to 5,11. The dissolved oxygen varied among 2,60 to 4,15 ppm, and the temperature of the water among 20 to 25,5 ºC. The analysis of reproduction evidenced that the fish has fractional spawning, whose adult females stay with high condition factor during great part of life, but decreasing with their age. The eggs were deposited in the substratum, and the incubation period varied among 55 to 100 days. In laboratory these eggs were maintained in water, where 15,4% complete the embryonic development. The proportion of females was significantly larger than males. For the characteristics above, we can infer that at least two generations of pirá-brasília can be found in the same flood period.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

95

Uso da bromocriptina associado a hiperestimulação ovariana controlada em pacientes más respondedoras/ Bromocriptine method associated with ovarian stimulation in poor responder patients

Franco, Rodrigo Coelho; Sala, Maria Matheus de
2004-06-01

Resumo em português OBJETIVO: avaliar a resposta ovariana de pacientes más respondedoras submetidas ao método da bromocriptina. MÉTODOS: foi realizado estudo prospectivo com 10 pacientes más respondedoras em programa de fertilização in vitro. Pacientes endocrinologicamente normais com menos de 38 anos de idade, que apresentaram ciclos anteriores de má resposta a hiperestimulação ovariana controlada, foram submetidas a 12 ciclos com o método da bromocriptina. O referido método util (mais) izou a bromocriptina, um agonista dopaminérgico, no ciclo precedente com a finalidade de bloquear a produção da prolactina. Ao interromper a medicação no início do ciclo de hiperestimulação ovariana conseguiu-se um efeito rebote da prolactina que otimizou a sua concentração sérica, melhorando a qualidade dos oócitos e embriões. Foram analisadas as concentrações séricas de prolactina e estradiol, o número de folículos produzidos, o número e a qualidade dos oócitos captados e embriões clivados e as taxas de fertilização e gravidez. RESULTADOS: foi observada redução na quantidade de ampolas de gonadotrofinas utilizadas, nos dias de indução, melhora no recrutamento folicular, na captação de oócitos, na morfologia dos embriões e nas taxas de fertilização e gravidez. A taxa de fertilização foi de 77,7%, a taxa de gravidez 44,4% e a taxa de bebê em casa de 25%. CONCLUSÕES: este estudo sugere que o método da bromocriptina melhora o recrutamento folicular e o desenvolvimento embrionário, resultando em aumento da taxa de fertilização e gravidez em pacientes más respondedoras quando comparado com o esquema tradicional de hiperestimulação ovariana. Estudos com maior casuística controlada são necessários para se confirmarem os dados aqui encontrados. Resumo em inglês OBJECTIVE: to assess the ovarian response of poor responsive patients, submitted to the bromocriptine method. PACIENTS AND METHODS: a prospective clinical trial for the in vitro fertilization (IVF) program was performed in 10 poor responsive patients. Endocrinologically normal ovulatory women under 38 years old, who had previously failed in IVF due to poor response to ovarian stimulation with the traditional protocol, were submitted to the bromocriptine method in 12 cycle (mais) s. They were given bromocriptine, a dopaminergic agonist, in the preceding cycle in order to stop the prolactin production. When the medication was removed at the beginning of the stimulation cycle, an elevation of seric prolactin by a rebound phenomenon was found. This optimized its seric concentration, improving the quality of oocytes and embryos. Serum prolactin and estradiol concentrations, number of follicles, number and quality of oocytes and cleaved embryos, fertilization and pregnancy rates were analyzed. RESULTS: there was a reduction in the dose of gonadotropin administered and in the duration of ovarian stimulation and an improvement in follicular recruitment, oocyte retrieval, embryo morphology, fertilization, and ongoing pregnancy rates. Fertilization rate was 77.7%, pregnancy rate was 44.4% and live baby rate was 25%. CONCLUSION: this study suggests that the bromocriptine method enhanced follicular recruitment and embryonic development, resulting in increased fertilization and pregnancy rates when compared with the traditional protocol for poor responsive patients. Studies with a large number of patients are necessary to confirm these results.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

96

Atresia das vias biliares extra-hepáticas: conhecimentos atuais e perspectivas futuras/ Extrahepatic biliary atresia: current concepts and future directions

Carvalho, Elisa de; Ivantes, Cláudia Alexandra Pontes; Bezerra, Jorge A.
2007-04-01

Resumo em português OBJETIVOS: Apresentar uma revisão atualizada sobre atresia das vias biliares extra-hepáticas, com ênfase em etiopatogenia, abordagens diagnósticas e terapêuticas e prognóstico. FONTES DOS DADOS: Foram selecionadas pelos sites de busca médica (MEDLINE e PubMed) pesquisas relacionadas à atresia biliar, utilizando as seguintes palavras-chave: biliary atresia,etiopathogenesis, diagnosis, treatment, prognosis, children. SÍNTESE DOS DADOS A atresia das vias biliares ex (mais) tra-hepáticas é a principal indicação de transplante hepático na faixa etária pediátrica. Quanto à etiologia, o citomegalovírus, o reovírus e o rotavírus têm sido os agentes mais estudados como possíveis desencadeadores da obstrução imunomediada da árvore biliar. A resposta imune, especialmente o predomínio da resposta TH1 e do interferon gama, a susceptibilidade genética e as alterações do desenvolvimento embrionário da árvore biliar são aspectos que podem participar na etiopatogênese da obliteração das vias biliares extra-hepáticas. Ainda hoje, o único tratamento disponível é a portoenterostomia, cujos resultados são melhores quando realizada nos primeiros 2 meses de vida. Em relação ao prognóstico, as crianças não tratadas vão a óbito na totalidade, por complicações relacionadas à hipertensão portal e à cirrose hepática, e mesmo os casos tratados necessitam, em sua maioria, do transplante hepático. CONCLUSÃO: A atresia das vias biliares extra-hepáticas continua sendo a principal indicação de transplante hepático em crianças, e a mudança deste panorama depende de um melhor entendimento da etiopatogenia da obstrução biliar nos diferentes fenótipos da doença. Investigações futuras a respeito do papel do interferon gama e de outras citocinas são necessárias para avaliar se esses aspectos seriam potenciais alvos de intervenção terapêutica. Resumo em inglês OBJECTIVE: To provide an updated review on extrahepatic biliary atresia, focusing mainly on its etiopathogenesis, diagnosis, treatment and prognosis. SOURCES: MEDLINE and PubMed databases were searched using the following keywords: biliary atresia,etiopathogenesis, diagnosis, treatment, prognosis, children. SUMMARY OF THE FINDINGS: Extrahepatic biliary atresia is the main indication for liver transplantation among pediatric patients. As to its etiology, cytomegalovirus, r (mais) eovirus and rotavirus have been widely investigated as possible triggers of the immunomediated obstruction of the biliary tree. The immune response, especially the predominant TH1 and interferon-gamma responses, genetic susceptibility and disorders related to the embryonic development of the biliary tree can play a role in the etiopathogenesis of extrahepatic biliary atresia. Yet today, portoenterostomy is the only available treatment, with better results when performed in the first 2 months of life. As to prognosis, all untreated children eventually die due to complications resulting from portal hypertension and liver cirrhosis, and most treated children have to undergo liver transplantation. CONCLUSIONS: Extrahepatic biliary atresia is still the major indication for pediatric liver transplantation, and to change this scenario some more light should be shed upon the etiopathogenesis of biliary atresia in different disease phenotypes. Future research into the role of interferon-gamma and of other cytokines is necessary in order to assess whether these aspects should be potential targets for therapeutic intervention.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

97

Caracterização morfológica de frutos, sementes e plântulas de Sesbania virgata (Cav.) Pers/ Morphologic caracterization os fruit, seeds and sedlings of Sesbania virgata (Cav.) Pers

Araujo, Erneida C. de; Mendonça, Andrea Vita R.; Barroso, Deborah G.; Lamônica, Kelly R.; Silva, Roberto F. da
2004-01-01

Resumo em português A Sesbania virgataé uma espécie arbórea, pioneira e de ocorrência natural no Brasil. Pertence à família Leguminosae-Faboideae sendo recomendada para recuperação de áreas degradadas devido a sua rusticidade e capacidade de estabelecer simbiose com rizóbio. Mas, apesar de sua ampla distribuição, até o momento não havia uma descrição morfológica das estruturas de propagação e da planta na fase inicial de desenvolvimento. O objetivo deste trabalho foi descr (mais) ever os caracteres morfológicos dos frutos, sementes e plântulas, bem como caracterizar o processo de germinação de Sesbania virgata. Para o estudo do fruto, os seguintes aspectos foram observados: tipo; cor; dimensões; textura e consistência do pericarpo; deiscência; e número de sementes por fruto. Os aspectos observados para as sementes foram: cor; dimensões; peso de 1000 sementes; textura e consistência dos tegumentos; forma; bordo, posição do hilo e de outras estruturas presentes e características do embrião. As plântulas foram caracterizadas em dois estádios. O estádio de plântula foi considerado quando os protófilos já estavam totalmente formados e de planta jovem, a partir do surgimento do 2° protófilo. Os elementos vegetativos descritos e ilustrados foram radícula, coleto, hipocótilo, cotilédones, epicótilo, protófilos e caule. O fruto de Sesbania virgata é um legume indeiscente medindo 5,8 cm e contendo de 2 a 6 sementes. A semente de Sesbania virgata é reniforme, endospérmica e desprovida do tegma, sendo que o hilo e o estrófíolo são facilmente distinguíveis. O eixo-embrionário encontra-se inserido aos cotilédones, sendo apical e invaginado papilonáceo. A germinação da semente é do tipo epígea. A plântula jovem apresenta protófilos compostos com 4 a 9 pares de folíolos pequenos opostos e glabros com peciolo e pulvino, e no ápice há uma pequena expansão laminar glabra. A radícula é sublenhosa, de cor branca ou marrom castanho. Resumo em inglês Sesbania Virgata is a bush, pioneer and occurs naturally Brazil. It belongs to the Leguminosae-Faboideae family and is indicated for recovery-degraded areas due to its rusticity and capacity of establishing symbiosis with rhizobial. But, in spite of its wide distribution, to date there is no morphologic description of the propagation structures and the plantule. This study describes the morphologic characters of the fruits, seeds and plantules, and characterizes the germi (mais) nation process of Sesbania virgata. For the study of the fruit, the following aspects were observed: type; color; dimensions; texture and consistence of the pericarp; opening; and number of seeds per fruit. The aspects observed for the seeds were: color; dimensions; weigt of 1000 seeds; tegument texture and consistency; form; embroider (?), hilum and other structures position and embryo characteristics. The plantules were characterized at two stages. The plantule stage was considered when the foliage leaves were totally formed and at young plant stage starting from the appearance of the 2nd foliage leaf. The described and cultured vegetative elements were root (main and secondary), collar, hypocotyls, cotyledons, epicotyls, foliage leaf (1st and 2nd orders) and stem. The Sesbania Virgata fruit is an indehiscent legume measuring 5,8 cm with 2 to 6 seeds. The Sesbania Virgata seeds are kidney-shaped and endospermic and there is no internal tegument. The hilum and the strophiole are easily distinguishable. The apical axis-embryo is inserted in the cotyledons. The seed germination is the epigeal type.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

98

Taurina no desenvolvimento de embriões bovinos fecundados in vitro/ Taurine on the development of in vitro fertilized bovine embryos

Camargo, L.S.A.; Sá, W.F.; Ferreira, A.M.; Viana, J.H.M.; Araújo, M.C.C.
2002-08-01

Resumo em português O objetivo deste trabalho foi avaliar o efeito de diferentes concentrações de taurina no desenvolvimento de embriões bovinos fecundados in vitro em meio de cultivo com diferentes fontes de soro. No experimento 1, zigotos (n=440) fecundados in vitro foram distribuídos aleatoriamente nos tratamentos com 0, 3, 7 ou 14 mM de taurina em meio de cultivo acrescido de 10% de soro fetal bovino (SFB) e 3g/l de albumina sérica bovina (BSA). No experimento 2, os zigotos (n=940) (mais) foram divididos nos tratamentos com 0, 3 ou 14 mM de taurina em meio acrescido de 10% de SFB ou 3g/l de BSA. No experimento 3, os zigotos (n=191) foram divididos nos tratamentos com 0 ou 3 mM de taurina em meio de cultivo sem fonte de soro, porém adicionado de 3 g/l de álcool polivinil. Nos experimentos 1 e 2 não se observou diferença (P>0,05) na taxa de clivagem, na produção de blastocistos e no número de células entre as concentrações de taurina avaliadas. No experimento 3 encontraram-se maior (P Resumo em inglês The effect of different taurine concentrations on bovine embryo development in medium supplemented with different serum sources was studied. In the first experiment, in vitro fertilized zygotes (n=440) were divided into treatments with 0, 3, 7 or 14 mM of taurine in culture medium supplemented with 10% of fetal calf serum (FCS) and 3g/l of bovine serum albumin (BSA). In the second experiment, zygotes (n=940) were divided into treatments with 0, 3 or 14 mM of taurine in cu (mais) ltured medium supplemented with 10% of FCS or 3g/l of BSA. In the third experiment, zygotes (n=191) were divided into treatments with 0 or 3 mM of taurine in culture medium without serum source, even so supplemented with 3g/l of polyvinyl alcohol. In the first and second experiments no differences (P>0.05) in cleavage rate, blastocyst production and cells number among the concentrations of taurine were observed. In the third experiment, taurine increased (P

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

100

Efeito de diferentes meios de cultivo no desenvolvimento e proporção do sexo de embriões bovinos produzidos in vitro/ Effect of different culture media on development and sex ratio of bovine embryos fertilized in vitro

Gilardi, S.G.T.; Sá, W.F.; Camargo, L.S.A.; Ferreira, A.M.; Machado, M.A.; Serapião, R.V.; Soares, A.B.M.; Pinho, T.G.; Viana, J.H.M.
2004-10-01

Resumo em português Avaliou-se o efeito da suplementação de meios de cultivo sobre o desenvolvimento e proporção do sexo de embriões bovinos fertilizados in vitro. Complexos cumulus-oócitos obtidos de ovários de matadouro foram maturados e fertilizados in vitro. Os zigotos (n= 484) foram distribuídos aleatoriamente em meio CR2aa, contendo soro fetal bovino (SFB) (T1), albumina sérica bovina (BSA) (T2) ou BSA mais insulina:transferrina:selênio e vitaminas (BSA+) (T3), no cultivo emb (mais) rionário in vitro, a uma atmosfera de 5% CO2 a 38,8ºC em ar. A taxa de clivagem foi observada 72-76 horas pós-fertilização (PF) e a taxa de blastocistos com sete e oito dias PF. Os blastocistos (n= 63) foram sexados pela técnica de reação em cadeia de polimerase. A taxa de clivagem em T2 foi maior (P0,05) entre T2 e T3, porém menor (P0,05) entre os tratamentos. O T1 influenciou o desenvolvimento de blastocistos, mas não teve efeito sobre a proporção do sexo. Resumo em inglês The effect of culture media on the development and on the sex ratio of bovine embryos fertilized in vitro was studied. Cumulus oocyte-complexes from slaughterhouse ovaries were matured and fertilized in vitro. Zygotes (n= 484) were randomly allotted to different culture media and cultured with their cumulus cells in CR2aa medium and an atmosphere of 5% CO2 in air at 38.8ºC. The fetal calf serum (FCS), bovine seric albumin (BSA) or BSA plus insulin:transferrin:selenium an (mais) d vitamins (BSA+) supplementation effect on embryo culture was evaluated. Cleavage rate was assessed at 72-76h post-fertilization (PF) and blastocyst rate on days 7 and 8 PF. The blastocysts (n= 63) were also sexed using polymerase chain reaction. Cleavage rate for BSA medium supplemented was higher (P0.05), but lower (P

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

101

Desenvolvimento pós-fecundação de oócitos bovinos pré-maturados em fluido folicular/ Post-fertilization development of bovine oocytes pre-matured in follicular fluid

Sá, W.F.; Vizcarra, V.E.L.; Ferreira, A.M.; Camargo, L.S.A.; Araújo, M.C.C.
2003-06-01

Resumo em português Estudou-se o efeito da pré-maturação em fluido folicular bovino (FFb) sobre o potencial de desenvolvimento de ovócitos bovinos imaturos. Complexo cumulus- ovócitos (CCO) e FFb foram obtidos de ovários coletados em matadouro. O FFb foi inativado e os CCOs imaturos distribuídos em quatro tratamentos: (T1) 70% de FFb em Talp Hepes, (T2) 100% de FFb, (T3) 100% de Talp Hepes, e (T4) controle. Em T1, T2 e T3 os CCOs foram pré - maturados por cinco horas a 37ºC em a (mais) r e posteriormente maturados in vitro. Em T4 a maturação ocorreu logo após a aspiração. Depois de fecundados in vitro, os ovócitos foram co-cultivados com células do cumulus por 10 dias. Avaliaram-se as taxas de clivagem, de produção de blastocistos no sétimo e oitavo dias pós- fecundação (PF), de produção total e de blastocistos eclodidos no oitavo e nono dias PF. Calcularam-se as taxas de blastocistos no sétimo e oitavo dia e de blastocistos eclodidos em função do total de blastocistos produzidos. As taxas de clivagem, de produção total e de blastocistos eclodidos não diferiram entre os tratamentos (P>0,05), entretanto a produção de blastocistos no sétimo dia foi menor nos tratamentos com FFb e Talp Hepes (P Resumo em inglês The effect of the pre-maturation with bovine follicular fluid (bFF) on developmental competence of immature bovine oocytes was studied. Cumulus-oocytes complexes (COC) and bFF were obtained from ovaries collected at slaughterhouse. bFF was inactivated prior to use and COCs were distributed in four treatments: (T1) 70% of bFF in Talp hepes, (T2) 100% of bFF, (T3) 100% of Talp Hepes medium, and (T4) control group. In T1, T2, and T3, COCs were incubated during 5h at 37º (mais) C before proceeding with in vitro maturation. In T4, maturation was performed soon after follicular aspiration. After in vitro fertilization, the presumptive zygotes were co-cultured with cumulus cells during 10 days. It was evaluated cleavage, blastocyst on seventh and eighth days post-fertilization (PF), overall blastocyst and hatched blastocyst on eighth and ninth days PF. It was also calculated the ratio of blastocyst on seventh and eighth days, and hatched blastocyst in function of overall blastocyst production. Cleavage, overall blastocyst and hatched blastocyst rates were similar (P>0.05) among treatments. However, blastocyst production on seventh day was lower (P

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)