Sample records for ecological communities
from WorldWideScience.org

Sample records 1 - 20 shown. Select sample records:



2

Distribuição ecológica das comunidades de macroalgas da bacia de drenagem do Rio das Pedras, região Centro-Sul do Estado do Paraná, Sul do Brasil/ Ecological distribution of stream macroalgal communities from Rio das Pedras drainage basin, mid-southern region of Paraná State, southern Brazil

Krupek, Rogério A.; Branco, Ciro C. Z.; Peres, Cleto K.
2007-06-01

Resumo em português As comunidades de macroalgas de dezenove riachos foram investigadas quanto aos seus aspectos taxonômicos e ecológicos na bacia de drenagem do Rio das Pedras, localizada na região Centro-Sul do Estado do Paraná, Sul do Brasil (25º13'-25º26' S, 51º13'-51º28' W). Dezesseis riachos foram amostrados uma vez e três examinados mensalmente durante o período de abril de 2004 a março de 2005. Trinta e seis táxons foram encontrados e a espécie mais bem distribuída foi (mais) Phormidium retzii (C. Agardh) Gomont (Cyanophyta), ocorrendo em nove pontos de amostragem (47%). Por outro lado, foi registrada altíssima proporção de espécies de distribuição restrita (58% das espécies ocorreram em um ponto de amostragem). A riqueza global de espécies encontrada para a bacia do Rio das Pedras foi relativamente alta, no entanto, a riqueza de espécies registradas nos pontos de amostragem individualmente mostrou valores relativamente baixos. A abundância de espécies registrou valores muito baixos, tanto para a bacia como um todo quanto nos pontos de amostragem individualmente. As análises de correlação revelaram apenas poucas correlações entre algumas variáveis ambientais e o padrão de distribuição das comunidades de macroalgas na área de estudo. Neste sentido, os resultados sugerem que as variações das características ambientais de cada local definem uma comunidade de macroalgas típica para cada ponto de amostragem. Resumo em inglês Macroalgal communities of nineteen stream segments from Rio das Pedras drainage basin, mid-southern region of Paraná State, southern Brazil (25º13'-25º26' S, 51º13'-51º28' W) were investigated regarding taxonomic and ecological aspects. Sixteen stream segments were visited once and three were examined monthly from April 2004 to March 2005. Thirty-six taxa were found, and Phormidium retzii (C. Agardh) Gomont (Cyanophyta) was the most widespread species, occurring in n (mais) ine sampling sites (47%). Otherwise, a very high proportion of species had restrict distribution (58% of species occurred in one stream segment). Species richness in the drainage basin was relatively high, however, the species richness in each stream segment was relatively low. Species abundance had very low values, both to drainage basin and individual sampling sites. Correlation analyses revealed only few correlations among some environmental variables and the macroalgal communities' distributional patterns in the study area. Thus, the results suggest that the local variation in the environmental features define a typical macroalgal community to each sampling site.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

3

Distribuição ecológica de comunidades de macroalgas de ambientes lóticos do Parque Nacional de Itatiaia (RJ, MG), Brasil/ Ecological distribution of stream macroalgal communities from " Parque Nacional de Itatiaia" , states of Minas Gerais and Rio de Janeiro, Brazil

Necchi Júnior, Orlando; Branco, Luis H.Z.; Spezamiglio, Daniel N.
2008-03-01

Resumo em português O Parque Nacional de Itatiaia (PNI) inclui duas formações vegetais brasileiras em seus limites: floresta pluvial tropical atlântica (MA) e campos de altitude (CA). Foram amostrados 14 pontos, sete em cada formação vegetal, em duas estações do ano (verão e inverno). Foram encontradas 29 espécies de macroalgas, sendo 15 espécies em MA e 19 espécies em CA, com apenas cinco espécies em comum. A riqueza de espécies por ponto de amostragem variou de 1 a 7 (2,9 ± 2 (mais) ,0), o índice de diversidade de Shannon-Wiener (H') de 0 a 0,94 (0,24 ± 0,26) e a cobertura percentual de 0 a 35% (14,0 ± 12,5%). Estes valores situaram-se dentro da amplitude reportada em trabalhos prévios sobre macroalgas lóticas. A análise de regressão múltipla revelou que as variações de temperatura explicaram 39,2% da variação da abundância e 35,5% da riqueza de espécies a ainda que 54,8% da variação da diversidade foi explicada por Demanda Química de Oxigênio (DQO) e pH. Análise de grupamento das comunidades de macroalgas do PNI não agrupou pontos das mesmas regiões (MA e CA). Análise de Componentes Principais separou claramente os pontos amostrados das regiões de MA e CA, bem como das estações do ano estudadas (inverno e verão), influenciados mais fortemente pela temperatura, sombreamento, pH, altitude, potássio e DQO. Os padrões gerais de distribuição em mosaico e dominância por poucas espécies descritos para comunidades de macroalgas lóticas foram corroborados pelos dados do PNI, sugerindo que parecem ser universais para tais comunidades. Resumo em inglês Itatiaia National Park (INP) includes two kinds of Brazilian vegetation within its limits: Atlantic tropical rainforest (AF) and highland grassland (HG). Fourteen sites were sampled, seven in each region (AF and HG), in two seasons (summer and winter). Twenty nine species of macroalgae were surveyed, from which 15 in AF and 19 in HG, with only five species in common. Species richness per sampling site ranged from 1 to 7 (2.9 ± 2.0), Shannon-Wiener diversity index (H') fr (mais) om 0 to 0.94 (0.24 ± 0.26) and percent cover from 0 to 35% (14.0 ± 12.5%). These values fitted within the range reported in previous studies on lotic macroalgae. Multiple regression analysis revealed that temperature variations accounted for 39.2% of abundance and 35.5% of species richness variations and also that 54.8% of diversity variations were explained by variations of Chemical Oxygen Demand (COD) and pH. Cluster analysis of macroalgal communities of INP did not group sites from the same regions (AF and HG). Principal Component Analysis clearly separated the sampling sites of the two regions, as well as of the two seasons (summer and winter), mostly influenced by temperature, shading, pH, altitude, potassium and COD. The general patterns of patchy distribution and dominance by few species described for lotic macroalgal communities were corroborated by data from INP, suggesting that they seem to be universal for such communities.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

4

Análise da estrutura de comunidades arbóreas de uma floresta amazônica de Terra Firme aplicada ao manejo florestal/ Analysis of the structure of tree communities of a amazonian forest applied to management

Alves, João Carlos Zenaide Oliveira; Miranda, Izildinha de Souza
2008-12-01

Resumo em português Este trabalho teve o objetivo de identificar e descrever a estrutura das comunidades arbóreas de uma floresta de terra firme sob regime de manejo na Amazônia Oriental, localizada no município de Almeirim, Pará, Brasil. O levantamento florístico foi realizado em 1.400,30 ha de uma Unidade de Produção Anual (UPA), do Plano de Manejo Florestal da empresa ORSA Florestal. Todos os indivíduos com DAP > 30 cm foram inventariados, registrando-se 77.834 árvores distribuí (mais) das em 57 famílias, 229 gêneros e 556 espécies. Oito comunidades foram identificadas por meio de uma analise de agrupamento, apresentando alta diversidade e equibilidade florística (H" médio = 4,25 e J" médio = 0,75). As comunidades apresentaram 138 espécies comuns, 119 espécies de ocorrência exclusiva e 377 espécies raras, representadas por apenas um indivíduo. As espécies que mais se destacaram foram: Dinizia excelsa, Vouacapoua americana, Goupia glabra, Mouriri brachyanthera, Parinari excelsa, Manilkara bidentada, Tachigalia mymecophyla e Licania micrantha. Algumas espécies de valor comercial apresentaram variações importantes na densidade, sugerindo risco de extinção em comunidades onde as espécies apresentam densidade muito baixa. Sugerimos que os planos de manejo considerem as várias comunidades ecológicas encontradas nas UPAs evitando assim variações significativas, causadas pela exploração e seus impactos, na composição florística e estrutura das comunidades existentes. Resumo em inglês To demonstrate the importance of the ecological concept for forest management, the object of this work was to identify and describe the structure of tree communities of a tropical forest under management in the Eastern Amazonia, located in Almeirim municipality, in the state of Pará, Brazil. The floristic survey was undertaken in a terra-firme tropical forest of 1,400.30 hectares. All individuals with DBH > 30 cm were inventoried, registering 77,834 trees distributed in (mais) 57 families, 229 genera and 556 species. Eight communities were identified, presenting high diversity and floristic equitability (H" = 4.25 average and J" = 0.75 average). The communities presented 138 common species, 119 species of exclusive occurrence and 377 rare species, represented by only one individual. The most remarkable species found in the area were: Dinizia excelsa, Vouacapoua americana, Goupia glabra, Mouriri brachyanthera, Parinari excelsa, Manilkara bidentada, Tachigali mymecophyla and Licania micrantha. The communities presented significant variations between the averages of the main floristic parameters. Some species of commercial value had important variations in the density, suggesting extinction risk in communities where they present very low density. We suggest that all sustainable forest management plans consider the several ecological communities found in the Annual Production Unit (UPA) thus avoiding significant variations, caused by exploration and their impacts, in the floristic composition and structure of these communities.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

5

Estrutura de assembléias de Muscidae (Diptera) no Paraná: uma análise por modelos nulos/ Muscidae (Diptera) assemblage structure in Paraná: a null model analysis

Rodríguez-Fernández, Jaime Iván; Carvalho, Claudio José Barros de; Moura, Mauricio Oswaldo
2006-03-01

Resumo em português Geralmente pensa-se que a estrutura das comunidades está determinada pela competição interespecífica. Os críticos desta idéia indicam que devemos primeiramente demonstrar a estrutura com modelos nulos par testar se a estrutura realmente existe. Aqui, utilizamos 179 espécies predadoras e saprófagas de moscas da família Muscidae (Diptera) que foram capturadas com armadilha Malaise em seis locais no Estado do Paraná, durante um ano de estudo. Para testar a estrutur (mais) a das comunidades, geramos cinco matrizes de presença-ausência (1-0): duas por guildas tróficas, duas por tipo de habitat e uma matriz geral (taxonômica). Dois índices de co-ocorrência (C) e covariância (V) de espécies foram calculados nas matrizes desenvolvidas através de 5000 aleatorizações de Monte Carlo. Estas seguiram duas diferentes premissas: 1) número de espécies por local fixo, e 2) proporções constantes de espécies em todos os locais. Comparações com modelos nulos de comunidades mostram que a assembléia "taxonômica" de espécies tem uma falsa estrutura, enquanto assembléias de espécies "ecológicas" têm uma estrutura verdadeira. Enquanto as assembléias ecológicas são consistentes com a teoria de competição interespecífica como uma causa da estrutura das comunidades, é possível que outras causas possam também ser importantes. Resumo em inglês Community structure is often thought to be determined by interspecific competition. Critics of this idea state that we must first demonstrate structure with null models to test whether structure indeed exists. Here, we use 179 predatory and saprophagic species of flies in the family Muscidae (Diptera) that were captured in Malaise traps in six locations in Paraná State during one year of study. To test community structure, we generated five presence-absence (1-0) matrice (mais) s: two by trophic guilds, two by habitat, and one general matrix (taxonomic). Two indices of co-occurrence (C) and covariance (V) of species were calculated in the matrices developed through 5,000 Monte Carlo randomizations. Randomizations followed two different assumptions: 1) fixed number of species per location, and 2) constant proportions of species at all locations. Comparisons with null-model communities showed that "taxonomic" species assemblage had a false structure, while "ecological" species assemblages had true structure. Although the ecological assemblages are consistent with the theory of interspecific competition as a cause of community structure, it remains possible that other causes of structure may also be important.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

6

Saúde coletiva na perspectiva ecossistêmica: uma possibilidade de ações do enfermeiro/ Salud colectiva en perspectiva ecosistémica: una posibilidad de la acción de enfermeros/ Collective health in the ecosystemic perspective: a possibility of actions of the nurse

Santos, Mateus Casanova dos; Siqueira, Hedi Crecencia Heckler de; Silva, Jose Richard de Sosa
2009-12-01

Resumo em português O arcabouço da saúde coletiva ao buscar estratégias de proteção ao meio ambiente desenvolve uma prática da consciência ecossistêmica. As práticas ecológicas reconhecem o direito do ser humano de viver em um ambiente saudável e adequado, e a ser informado sobre os riscos do ambiente em relação à saúde e seu bem-estar. O presente trabalho tem por objetivo tecer uma discussão teórico-reflexiva sobre a adoção das práticas ecológicas urbanas em comunidades (mais) e sua relação com a saúde coletiva e vislumbrar possibilidades de inserção das ações do enfermeiro neste espaço. As ações da dialogicidade, da discussão estimulativa, da aproximação do enfermeiro com o habitat do ser humano, são capazes de encontrar reciprocidade na saúde coletiva e ao enfoque ecossistêmico. O respeito as suas crenças e ao seu conhecer em relação as suas necessidades em saúde, pode traduzir-se, objetivamente, na promoção da consciência ecológica e do espírito coletivo voltado para a cidadania. Resumo em espanhol El delineamiento de la salud colectiva al buscar estrategias de protección al medioambiente desarrolla una práctica de la consciencia ecosistémica. Las prácticas ecológicas reconocen el derecho del ser humano de vivir en un ambiente saludable y adecuado, y a ser informado sobre los riesgos del ambiente en relación a la salud y su bienestar. El presente trabajo tiene por objetivo tejer una discusión teórico-reflexiva sobre la adopción de las prácticas ecológicas (mais) urbanas en comunidades y su relación con la salud colectiva y vislumbrar posibilidades de inserción de las acciones del enfermero en este espacio. Las acciones de la dialogicidad, de la discusión estimulativa, de la aproximación del enfermero con el hábitat del ser humano, son capaces de encontrar reciprocidad en la salud colectiva y al enfoque ecosistémico. El respeto a sus creencias y a su conocimiento en relación a sus necesidades en salud, puede traducirse, objetivamente, en la promoción de la consciencia ecológica y del espíritu colectivo vuelto a la ciudadanía. Resumo em inglês The understructure of the collective health as looking for strategies of protection to the environment also develops a practice of ecosystemic conscience. The ecological practices recognize the right of the human being of living in a healthy and appropriate environment, and being informed about the risks of the environment regarding the health and his welfare. The aim of this present work is stimulate a discussion reflexive-theoretically on the adoption of the ecological (mais) urbane practices in communities and the relation with the collective health and to glimpse insertion possibilities of the actions of the nurse in this space. The conversations actions, a stimulative discussion and approximation of the nurse with the habitat of the human, are able to find reciprocity in the collective health and to the ecosystemic approach. The respect his beliefs and to his to know in relation his necessities in health, can come across, objectively, in the promotion of the ecological conscience and of the collective spirit turned to the citizenship.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

7

Hêliconias como alternativa econômica para comunidades amazônicas/ Heliconias of the Baixo Juruá Extractive Reserve: economical potential for Amazonian traditional population

Arruda, Rafael; Carvalho, Vinícius Tadeu de; Andrade, Paulo César Machado; Pinto, Maria Goretti
2008-12-01

Resumo em português Reservas extrativistas (RESEX) são espaços territoriais destinados à exploração sustentável e conservação dos recursos naturais renováveis, por populações extrativistas. Além disso, tem como finalidade implantar alternativas de renda que contribuam para a melhoria das condições de vida das famílias locais. Dentre as variadas possibilidades de renda pelas comunidades que compõem as RESEX, destacamos neste trabalho o uso das helicônias. As espécies de Heli (mais) conia são um dos mais vistosos grupos de plantas herbáceas das florestas tropicais. Entretanto seu uso como fonte de renda é desconhecido pelas comunidades que compõem a RESEX. Registramos 11 espécies de Heliconia na RESEX do Baixo Juruá com uso potencial como plantas ornamentais: H. acuminata, H. densiflora, H. hirsuta, H. lasiorachis, H. stricta, H. chartacea, H. juruana, H. marginata, H. psittacorum, H. spathocircinata e H. tenebrosa. Atualmente o mercado de plantas ornamentais está em expansão no Brasil, mas a Amazônia parece não estar acompanhando este processo, demonstrando falta de iniciativa política. A economia na forma do extrativismo praticada dentro das reservas florestais na Amazônia, mesmo acarretando alguns impactos diretos sobre a fauna e a flora, ajuda a manter as funções ecológicas originais da floresta evitando perdas futuras de biodiversidade regional. Adicionalmente, garante a continuidade das populações tradicionais no campo, com efeito direto na economia local e regional. Resumo em inglês Extractive Reserves (Reservas Extrativistas-RESEX, in portuguese) are defined as territorial spaces destined for auto-sustainable exploration and conservation of renewable natural resources for the traditional population. Moreover, they are an alternative source of income for improving life conditions of the local families. Amongst the possibilities of income for the communities that make up the RESEX, which we discuss, is the use of Heliconia understorey herbs. The Helic (mais) onia genus is one of the colorful groups of tropical forest non-timber plants. However, as an income source, it is unknown to the RESEX communities. We registered 11 species of Heliconia in the Baixo Juruá Extractive Reserve with potential as ornamental plants: H. acuminata, H. densiflora, H. hirsuta, H. lasiorachis, H. stricta, H. chartacea, H. juruana, H. marginata, H. psittacorum, H. spathocircinata and H. tenebrosa. Currently in Brazil, the commercialization of ornamental plants is expanding, but the Amazonian region seems not to be following this trend, demonstrating perhaps lack of political initiative. Even though it causes some impact on fauna an flora, the practice of extractive economy inside the forest reserves in Amazonia helps keep the ecological functions of the forest intact, preventing future losses of regional biodiversity. Additionally, it guarantees the continuity of traditional populations in the natural areas, with direct effect on the local and regional economy.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

8

O terceiro setor como executor de políticas públicas: Ong's ambientalistas na baía de Guanabara (1990-2001)/ The third sector as executor of public policies: environmental Ngo's acting in the Bay of Guanabara (1990-2001)/ Le secteur tertiaire comme exécuteur de politiques publiques: Ong's écologistes dans la baie de Guanabara (1999-2001)

Mattos, Solange Maria da Silva Nunes; Drummond, José Augusto
2005-06-01

Resumo em português Nos últimos dez anos a sociedade civil organizada brasileira vem ocupando espaços cada vez maiores na discussão, formulação e execução de políticas públicas. Representando um mosaico de instituições multifacetárias dotadas de singular capacidade de execução de ações locais com visão global, focalizamos especialmente as organizações não-governamentais ambientalistas que atuam em um estuário de grande importância para o estado do Rio de Janeiro e que s (mais) ofre agressões diárias: a baía de Guanabara. Os nossos achados indicam que vários projetos de recuperação e/ou preservação ambiental desenvolvidos com a participação dessas entidades mobilizam voluntários e os meios de comunicação, sensibilizam a população para as questões ecológicas e contribuem para a educação de comunidades urbanas de baixa renda, delineando um relacionamento de homem e meio ambiente de maneira holística e configurando novos atores sociais. Assim, dão maior eficácia às intervenções públicas na recuperação da qualidade ambiental dos ecossistemas do estuário. Resumo em inglês Over the last ten years, organized civil society has gained a growing presence in the discussion, formulation and implementation of public policies in Brazil. Representing a mosaic of multi-faceted institutions endowed with a singular capacity to implement local actions from a global perspective, we focus particularly on environmentalist NGOs that act in the Bay of Guanabara, an estuary of great importance for the state of Rio de Janeiro that is subjected to aggression on (mais) a daily basis. Our findings indicate that several projects on environmental preservation or recuperation that have been developed with the participation of these NGOs mobilize volunteers and the media, sensitize the population to ecological issues and contribute to the education of low income urban communities, providing guidelines for a holistic relationship between humans and the environment and constituting new social actors. In this way, they provide more efficient means for public intervention in the recovery of the environmental quality of the estuary's eco-systems.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

9

A piscicultura e o ambiente: o uso de alimentos ambientalmente corretos em piscicultura/ Fish farming and the environment: the use of environmental friendly feeds in fish culture

Cyrino, José Eurico Possebon; Bicudo, Álvaro José de Almeida; Sado, Ricardo Yuji; Borghesi, Ricardo; Dairik, Jony Koji
2010-07-01

Resumo em português Embora a ciência da nutrição de peixes esteja longe de estabelecer um padrão geral de exigências nutricionais, a necessidade de desenvolvimento de alimentos de baixo impacto poluente há muito faz parte da agenda das comunidades científica e empresarial internacional da aqüicultura. Não só é absolutamente possível formular alimentos ambientalmente corretos, como é necessário modelar a formulação destes alimentos. Porém, é necessária absoluta acurácia pa (mais) ra atender formulações espécie-específicas, considerando-se as interações da biologia e fisiologia nutricional das espécies com os alimentos e com as variações abióticas do meio. O conhecimento disponível sobre as mais de 200 espécies de peixe produzidas comercialmente no mundo é ainda incipiente e os sistemas de produção de peixe, nos diferentes regimes de exploração, estão implantados em todas as condições ecológicas possíveis. Neste cenário, produzir rações ambientalmente corretas é, senão impossível, pelo menos muito difícil e depende da ação coordenada e positiva de produtores, indústria da alimentação, agências regulatórias, e instituições de ensino e pesquisa para definir os parâmetros necessários à consecução deste objetivo. Resumo em inglês Although fish nutrition science is far from establishing general standards of nutritional requirements, the need for developing low impact feeds has long been included in the agenda of aquaculture's international scientific and business communities of. Not only is absolutely possible to formulate environmental friendly feeds, as it is necessary modeling the formulation of these feeds. However, it is necessary higher accuracy to develop species-specific formulations, consi (mais) dering interactions of the biology and nutritional physiology of the species with the feedstuffs and variations of abiotic environment. The knowledge on more than 200 species of commercially farmed fish is still incipient and fish production systems, in their most varied farming conditions, are set up in every possible ecological conditions. In this scenario, producing environmental friendly feeds is if not impossible, at least very, very difficult, depending on coordinated and positive action of producers, industry, regulatory agencies, and institutions of higher education and research to define the parameters needed to achieve this goal.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

10

Ecologia política, economia ecológica e saúde coletiva: interfaces para a sustentabilidade do desenvolvimento e para a promoção da saúde/ Political ecology, ecological economics, and public health: interfaces for the sustainability of development and health promotion

Porto, Marcelo Firpo; Martinez-Alier, Joan
2007-01-01

Resumo em português Este trabalho busca trazer para o campo da Saúde Coletiva as contribuições da ecologia política e da economia ecológica, visando a integrar as discussões em torno da promoção da saúde, da sustentabilidade sócio-ambiental e dos processos de desenvolvimento. A economia ecológica é um campo de estudos transdisciplinar recente que reúne economistas com outros profissionais das ciências sociais, humanas e biológicas. Ela tem desenvolvido novos conceitos e metodo (mais) logias que buscam captar a relação entre a economia com os processos ecológicos e sociais, como metabolismo social e perfil metabólico, inter-relacionando os fluxos econômicos com os de materiais e energia, e produzindo indicadores e índices de (in)sustentabilidade. A ecologia política, por sua vez, aborda as questões ecológicas e os conflitos sócio-ambientais a partir de dinâmicas econômicas e de poder que caracterizam as sociedades modernas. A Saúde Coletiva e as discussões sobre a promoção da saúde podem ampliar sua compreensão sobre o território, as comunidades, o papel da ciência e das instituições a partir das contribuições da ecologia política e da economia ecológica no entendimento dos modelos de desenvolvimento e os conflitos distributivos e sócio-ambientais por ele gerados. Resumo em inglês This article proposes to focus contributions from political ecology and ecological economics to the field of collective health with a view towards integrating the discussions around health promotion, socio-environmental sustainability, and development. Ecological economics is a recent interdisciplinary field that combines economists and other professionals from the social, human, and life sciences. The field has developed new concepts and methodologies that seek to grasp (mais) the relationship between the economy and ecological and social processes such as social metabolism and metabolic profile, thereby interrelating economic, material, and energy flows and producing indicators and indexes for (un)sustainability. Meanwhile, political ecology approaches ecological issues and socio-environmental conflicts based on the economic and power dynamics characterizing modern societies. Collective health and the discussions on health promotion can expand our understanding of territory, communities, and the role of science and institutions based on the contributions of political ecology and ecological economics in analyzing development models and the distributive and socio-environmental conflicts generated by them.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

11

Ecologia política, economia ecológica e saúde coletiva: interfaces para a sustentabilidade do desenvolvimento e para a promoção da saúde/ Political ecology, ecological economics, and public health: interfaces for the sustainability of development and health promotion

Porto, Marcelo Firpo; Martinez-Alier, Joan
2007-01-01

Resumo em português Este trabalho busca trazer para o campo da Saúde Coletiva as contribuições da ecologia política e da economia ecológica, visando a integrar as discussões em torno da promoção da saúde, da sustentabilidade sócio-ambiental e dos processos de desenvolvimento. A economia ecológica é um campo de estudos transdisciplinar recente que reúne economistas com outros profissionais das ciências sociais, humanas e biológicas. Ela tem desenvolvido novos conceitos e metodo (mais) logias que buscam captar a relação entre a economia com os processos ecológicos e sociais, como metabolismo social e perfil metabólico, inter-relacionando os fluxos econômicos com os de materiais e energia, e produzindo indicadores e índices de (in)sustentabilidade. A ecologia política, por sua vez, aborda as questões ecológicas e os conflitos sócio-ambientais a partir de dinâmicas econômicas e de poder que caracterizam as sociedades modernas. A Saúde Coletiva e as discussões sobre a promoção da saúde podem ampliar sua compreensão sobre o território, as comunidades, o papel da ciência e das instituições a partir das contribuições da ecologia política e da economia ecológica no entendimento dos modelos de desenvolvimento e os conflitos distributivos e sócio-ambientais por ele gerados. Resumo em inglês This article proposes to focus contributions from political ecology and ecological economics to the field of collective health with a view towards integrating the discussions around health promotion, socio-environmental sustainability, and development. Ecological economics is a recent interdisciplinary field that combines economists and other professionals from the social, human, and life sciences. The field has developed new concepts and methodologies that seek to grasp (mais) the relationship between the economy and ecological and social processes such as social metabolism and metabolic profile, thereby interrelating economic, material, and energy flows and producing indicators and indexes for (un)sustainability. Meanwhile, political ecology approaches ecological issues and socio-environmental conflicts based on the economic and power dynamics characterizing modern societies. Collective health and the discussions on health promotion can expand our understanding of territory, communities, and the role of science and institutions based on the contributions of political ecology and ecological economics in analyzing development models and the distributive and socio-environmental conflicts generated by them.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

12

Eficiência de fungos micorrízicos arbusculares isolados de solos sob diferentes sistemas de uso na região do Alto Solimões na Amazônia/ Effectiveness of arbuscular mycorrhiza fungal isolated from soils under different land use systems in the Alto Solimões river region in the Amazon

Silva, Gláucia Alves e; Siqueira, José Oswaldo; Stürmer, Sidney Luiz
2009-09-01

Resumo em português Os fungos micorrízicos arbusculares (FMAs) são importantes componentes dos ecossistemas terrestres onde acredita-se desempenharem papel fundamental para a sustentabilidade destes. Estes fungos sofrem influência de diversos fatores antrópicos como o uso da terra, que modificam a estrutura e diversidade das comunidades podendo comprometer suas funções ecológicas. No presente estudo avaliou-se o comportamento de FMAs isolados de solos sob diferentes sistemas de uso (S (mais) UT). Fungos isolados de amostras de solo sob diferentes SUT foram testados em caupi [Vigna unguiculata (L.) Walp] em condições controladas. Verificou-se que todos os cinqüenta e um fungos avaliados colonizaram o caupi, porém de modo muito diferenciado, tal como ocorreu para os efeitos destes na absorção de fósforo e crescimento da planta. A colonização variou de 1 a 68%, e os efeitos positivos no crescimento variaram de 33 a 148%, sendo mais comuns nos fungos isolados de pastagem e roça. O aumento nos teores de fósforo foi generalizado (95% dos fungos testados), no entanto, nem todos foram capazes de promover o crescimento do Caupi. Apenas 39% dos fungos foram considerados eficientes, sendo estes isolados de quase todos os SUT. Os tratamentos fúngicos de mais alta eficiência continham as espécies: A. foveata, Glomus sp.1, Acaulospora sp.1 e mistura dos dois primeiros mais E. infrequens e A. bireticulata-like. Os resultados indicam ampla diversidade de eficiência dos FMAs do Alto Solimões. Embora a eficiência não tenha relação direta com o SUT, a proporção de isolados eficientes variou com a origem de isolamento. Resumo em inglês Arbuscular mycorrhizal fungi (AMF) are important components of terrestrial ecosystems where they are believed to play a fundamental role for their sustainability. These fungi are influenced by a number of anthropic factors such as, land use which modifies the structure and diversity of fungal communities and this may compromise their ecological functions. In the present study it was evaluated the behavior of AMF isolated from soils under different land use systems in (LUS (mais) ). Fifty-one AMF were isolated in trap cultures from soil samples from different SUT tested on cowpea [Vigna unguiculata (L.) Walp] under controlled conditions. It was found that all AMF colonize the cowpea, but in a highly variable intensity. Similar results were found for phosphorus uptake and plant growth. Colonization ranged from 1 to 68%. Growth positive effects ranged from 33 to 148%, being more common in isolates from pasture and crops ecosystems. The enhancement in phosphorus uptake was generalized (95% all fungi), but their growth promoting effects did not followed the same trend. Only 39% of fungal isolated tested were efficient. These more isolated from almost all LUS. Fungal treatments with high efficiency had the following species: A. foveata, Glomus sp.1, Acaulospora sp.1 and a mixture the first two species with A. bireticulata and E. infrequens. The results indicate a wide efficiency diversity of AMF in the Alto Solimões region. Although this characteristic has no direct relationship with the LUS, the proportion of effective isolates varied with their origin.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

13

Comparação entre matas de galeria no Distrito Federal e a efetividade do código florestal na proteção de sua diversidade arbórea/ Comparison among gallery forests in the Federal District (Brazil) and the effectiveness of the brazilian legislation on protecting its tree diversity

Silva Júnior, Manoel Cláudio da
2001-04-01

Resumo em português Este estudo foi conduzido para avaliar padrões de distribuição espacial de árvores em três matas de galeria (Pitoco, Monjolo e Taquara), na Reserva Ecológica do IBGE, no Distrito Federal. As três matas de galeria são representantes de comunidades vegetais extremamente importantes e ameaçadas, que são relacionadas com a manutenção da "saúde" do ambiente e com a oferta e qualidade de água na região. As espécies arbóreas (DAP > ou = 5cm) foram amostradas n (mais) as três matas usando-se o método de quadrantes, desde as margens dos córregos até as bordas com o cerrado, com um total de 250 pontos de amostragem em cada mata de galeria. A análise de classificação pelo TWINSPAN evidenciou comunidades florísticas peculiares de cada sítio, denominadas como "úmida", "intermediária" e "seca". As relações florísticas e estruturais entre as matas de galeria e suas comunidades foram investigadas pela análise de agrupamento (UPGMA), que reforçou o modelo da forte associação entre as comunidades e o regime de umidade nos solos. Há uma relação florística e estrutural mais forte entre comunidades de diferentes matas, sob regime similar de umidade nos solos, do que entre as comunidades úmida e seca em uma mesma mata. A análise sugere que a legislação brasileira (LEI 7.511 de 7/7/1986) não é efetiva para a proteção da diversidade arbórea das matas de galeria. Resumo em inglês This study was carried out to discover patterns in tree spatial distribution in three gallery forests (Pitoco, Monjolo and Taquara), within the IBGE Ecological Reserve, in the Federal District, in Central Brazil. The three gallery forests are representative of the endangered vegetation formation, which is closely related to the maintenance of the volume and quality of the water supply in the region. Tree species (DBH > or = 5cm) were recorded using the Point Centred-Quart (mais) er (PCQ) method, from the stream margins to the forest-cerrado border, totalling 250 sampling points in each gallery forest. Classification by TWINSPAN highlighted floristic communities peculiar of each site, referred to as "moist", "intermediate" and "dry". The floristic links between the galleries and their communities were investigated by cluster analysis (UPGMA), which reinforced the model of a strong association between communities and soil moisture regime. In fact there was a stronger relationship between communities from areas of similar soil moisture, at different stream locations, than between "wet" and "dry" communities within the same stream. The analysis suggests that the Brazilian legislation (Law 7.511 of 7/7/1986) does not effectivelly protects the whole gallery forests woody diversity.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

14

Etnobotânica nordestina: estudo comparativo da relação entre comunidades e vegetação na Zona do Litoral - Mata do Estado de Pernambuco, Brasil/ Northeast Ethnobotany: links between communities and vegetation of the Coast Zone of the Mata Region in Pernambuco State, Brazil

Silva, Alberto Jorge da Rocha; Andrade, Laise de Holanda Cavalcanti
2005-03-01

Resumo em português O trabalho visa determinar as relações entre comunidades e vegetação na Zona da Mata de Pernambuco. A comunidade da Usina São José (Igarassu - Ig) é formada por vilas rurais, vizinhas da Reserva Ecológica da Mata da Usina São José. Jaguarana (Paulista-Pa) é uma comunidade urbana, próxima à Reserva Ecológica da Mata de Jaguarana. Levantou-se as plantas úteis para estas comunidades por meio de 38 entrevistas não-estruturadas, enquadrando-as nas categorias de (mais) uso alimentação, comércio, construção, mágico, medicinal, tecnológico e outros. Foram registradas 334 espécies, nativas e cultivadas. Comparou-se as comunidades, através do Quociente de Similaridade de Sørensen (Qs), obtendo-se maiores índices para plantas alimentícias (QsIgPa= 0,71), predominantemente cultivadas, e medicinais (QsIgPa= 0,56), 45,1% delas nativas, predominantemente herbáceas. A vegetação nativa constitui uma fonte importante de recursos medicinais mas é subutilizada como fonte de alimento e tem pouca relevância na visão cosmológica das comunidades. Os vegetais não têm relevância na atividade de comércio, servindo como complemento de renda para as famílias (QsIgPa= 0,30). Na categoria construção enquadram-se, majoritariamente, espécies nativas (87,8%) e arbóreas (92,7%). Em tecnologia têm maior representatividade espécies nativas (85,7%) e arbóreo/arbustivas (84,1%). As comunidades utilizam diferentes fontes vegetais para as categorias construção, mágica, tecnologia e outros, decorrentes tanto das principais atividades que nelas exercem seus moradores, como dos recursos naturais à sua disposição. Resumo em inglês The objective of this work is to determine the social behaviour concerning the consumption of vegetal species by local communities. The involved localities are: the Usina São José (Igarassu - Ig), which involves rural communities in the surroundings of the Ecological Reserve of the Usina São José and the Jaguarana (Paulista - PE), an urban settlement located in the neighbourhoods of the Ecological Reserve of Jaguarana. Structured interviews were applied to these socia (mais) l groups, addressing 38 people, in order to identify the most useful plants and the correspondent use. These were classified into categories food, commerce, constrution, ritualistic, medicinal, technological and "others". Among these types, 334 native and introduced species were registered. The different communities were analysed and compared through the Sørensen Similarity Quotient (Qs). The higher incidence is of feeding plants (QsIgPa= 0.71), predominantly cropped and medical plants (QsIgPa= 0.56), from which 45.1% are natives and herbaceous. The native vegetation constitutes an important source of medicines. However, it has no relevance as food within the cosmological view of the community. Vegetables are irrelevant as timber in the trade sector, for income generation (QsIgPa= 0.30). For building proposals most species are native (87.8%) and tree (92.7%). For technological purpose the native species (85.7%) and the tree/shrub (84.1%), are the most representative category. The communities use different types of vegetal resource for the construction, ritualistic and technology among other categories, as a result of their main activities and of the available natural resources.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

15

As populações caiçaras e o mito do bom selvagem: a necessidade de uma nova abordagem interdisciplinar

Adams, Cristina
2000-01-01

Resumo em português A caracterização, na literatura, das comunidades caiçaras como pescadoras, tradicionais, isoladas, auto-suficientes, primitivas e dotadas de um referencial marítimo é discutida com base numa perspectiva diacrônica. Ressalta-se o papel transformador da chegada do barco a motor e da pesca embarcada para as comunidades caiçaras, que as levou a abandonar total ou parcialmente as atividades agrícolas. Esta mudança é inserida num contexto histórico mais amplo, que co (mais) nsidera essa passagem como um dos inúmeros ciclos econômicos pelos quais essas comunidades teriam passado. Criticou-se também a falta de uma abordagem ecológica séria e de uma base empírica confiável na literatura, o que muitas vezes tem levado a considerações na linha do discurso ecológico romântico, que tendem a vincular a imagem dos caiçaras ao mito do "bom selvagem". Argumenta-se que a falta de abordagens multidisciplinares reduz a expressão da riqueza cultural das populações caiçaras. Resumo em inglês Characterisation of caiçara communities as traditional, isolated, self-sufficient, primitive, and with their subsistence based mainly on fishing is discussed based on a diachronic perspective. Transformations that occurred as a result of the arrival of the motor boat, in the beginning of the XX century, are stressed. The abandonment of agricultural activities, totally or partially, is analysed in a broader historical context, considering it as one of the innumerable econ (mais) omic cycles which these populations have already passed. The low number of ecological studies and appropriate field data are also criticised. It is argued that these communities are usually analysed in literature through an ecological romantic view, linking them to the "good savage" myth. It is also proposed that the lack of multidisciplinary studies reduces the cultural richness of these communities.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

16

Abordagem etnobotânica sobre plantas medicinais citadas por populações do entorno de uma unidade de conservação da caatinga do Rio Grande do Norte, Brasil/ Ethnobotanical approach to medicinal plants mentioned by people from the environs of a caatinga conservation unit in Rio Grande do Norte, Brazil

Silva, T.S.; Freire, E.M.X.
2010-12-01

Resumo em português As Caatingas, único Bioma exclusivamente brasileiro, têm sofrido grande extrativismo dos recursos, com perdas de diversidade biológica associadas ao fornecimento de madeira e extratos vegetais. As consequências impactantes sobre este Bioma têm levado a busca de estratégias para conservação, como a criação de Unidades de Conservação (UCs), a exemplo da Estação Ecológica do Seridó (ESEC Seridó), localizada no Estado do Rio Grande do Norte, cujas comunidades (mais) do entorno mantêm forte relação com esta ESEC. Como o mau uso dos recursos da Caatinga tem sido fortemente associado às necessidades das populações que ali habitam, este trabalho objetivou o estudo da percepção ambiental das comunidades do entorno da ESEC Seridó, focando sobre o conhecimento dessas sobre plantas de uso medicinal. Contabilizaram-se 48 espécies de plantas nativas e 39 exóticas, sendo 31 e 14 com propriedades medicinais, respectivamente. Foi constatado um rico conhecimento dessas comunidades sobre as plantas presentes nessa região, e a riqueza desses resultados são relevantes para futuras estratégias de gestão nesta Unidade de Conservação. Resumo em inglês Caatinga, the only exclusively Brazilian biome, has suffered exploitation of its natural resources, with loss of biodiversity associated with wood and plant extract supply. The resulting impacts on this biome have led to the search for strategies for its conservation like the establishment of Conservation Units (CUs), such as the Ecological Station of Seridó (ESEC Seridó) located in Rio Grande do Norte State. The human communities in ESEC Seridó environs maintain a str (mais) ong relationship with this conservation unit. Considering that the misuse of caatinga resources has been strongly linked to the needs of its inhabitants, this work aimed to investigate the environmental perception of communities from the environs of ESEC Seridó, focusing on the popular knowledge about plants of medicinal use. This investigation recorded 48 native and 39 exotic species, of which 31 and 14 species, respectively, had medicinal properties. The communities surveyed showed a deep knowledge of the plants found in that region and the wealth of these results is relevant for future management strategies in this Conservation Unit.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

17

Os primeiros curadores da humanidade: abordagens psicológicas e psiquiátricas sobre os xamãs e o xamanismo/ Humanity’s first healers: psychological and psychiatric stances on shamans and shamanism

Krippner, Stanley
2007-01-01

Resumo em português CONTEXTO: o autor descreve os xamãs como curadores que deliberadamente modificam seu padrão fenomenológico de atenção, percepção, cognição e consciência para obter informações não disponíveis ordinariamente aos membros do grupo social que lhes concedeu status privilegiado. OBJETIVOS: descrever como estas alterações fenomenológicas foram alcançadas e utilizadas. MÉTODOS: foram utilizados estudos da literatura xamânica em arquivo e pesquisas de campo em (mais) comunidades onde xamãs estão atuando ativamente. RESULTADOS: a fonte das informações obtidas pelos xamãs é atribuída a forças e entidades desencarnadas, como espíritos, ancestrais, guias animais e campos energéticos. Essas fontes foram contatadas através de toques ritualizados de tambores, danças, sonhos lúcidos, uso de plantas psicotrópicas, atenção focalizada e outros recursos. Este estudo foi importante, pois mostrou que os xamãs utilizam as informações obtidas para atender às necessidades sociais, psicológicas e médicas de suas comunidades. CONCLUSÕES: o disseminado aparecimento dos xamãs, especialmente em tribos caçadoras e coletoras, indica que suas presenças possuem funções adaptativas em um grupo social. Além disso, estes dados podem trazer importantes contribuições para a neurociência cognitiva, psicologia social, psicoterapia e psicologia ecológica. Resumo em inglês BACKGROUND: the author describes shamans as practitioners who deliberately shift their phenomenological pattern of attention, perception, cognition, and awareness in order to obtain information not ordinarily available to members of the social group that granted them privileged status. OBJECTIVES: to describe how these phenomenological shifts were accomplished and used. METHODS: archival studies of shamanic literature as well as field research in communities where shamans (mais) are actively functioning. RESULTS: the source of shaman-derived information is attributed to such discarnate entities and forces as spirits, ancestors, animal guides, and energetic fields. These agencies were contacted through ritualized drumming, dancing, lucid dreaming, the use of psychotropic plants, focused attention, and other technologies. This study was important because it determined that shamans utilize the obtained information to attend to their community’s social, psychological, and medical needs. CONCLUSIONS: the ubiquitous appearance of shamans, especially in hunting and gathering tribes, indicates that their presence in a social group served adaptive functions. Further, these data can make important contributions to cognitive neuroscience, social psychology, psychotherapy, and ecological psychology.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

18

Conceitos, percepções e estratégias para conservação de uma estação ecológica da Caatinga nordestina por populações do seu entorno/ Concepts, perceptions and strategies for conservation of an Ecological Station of Caatinga by communities in the vicinity

Silva, Thaise Sousa da; Cândido, Gesinaldo Ataíde; Freire, Eliza Maria Xavier
2009-08-01

Resumo em português A situação do planeta envolve discussões sobre perdas da biodiversidade. Países como o Brasil, um dos maiores em biodiversidade, não poderia escapar à essas discussões. Um de seus Biomas, e provavelmente o mais ameaçado é a Caatinga. Uma das ações que visa a proteção de áreas naturais e da biodiversidade é a manutenção de Unidades de Conservação (UC's). Uma dessas UC's da Caatinga é a Estação Ecológica do Seridó (ESEC Seridó) que, apesar de ter em (mais) seu entorno várias comunidades que interagem com ela, não inclui a percepção dessas populações em sua forma de gestão. Neste sentido, o objetivo do artigo é identificar as percepções e conceitos dessas comunidades sobre a ESEC Seridó, assim como, as estratégias que devem ser adotadas para sua melhor forma de atuação. Para alcançar esses objetivos realizou-se pesquisa bibliográfica, elaboração de um instrumento baseado nas práticas da Percepção Ambiental, na forma de entrevista estruturada aplicada à população do entorno dessa ESEC, e os dados tratados através da análise de conteúdo. Os resultados mostram de forma clara nos discursos da população, seus conceitos e percepções, os principais problemas enfrentados pela ESEC Seridó, bem como estratégias para a resolução dos mesmos, sendo observado no conhecimento das pessoas a realidade enfrentada pela ESEC e sua possível melhoria como área de proteção da natureza. Resumo em inglês The loss of Earth's biodiversity is a major concern for the international scientific community and megadiverse countries like Brazil are paramount for discussions about the overall situation of the planet. The Caatinga biome is probably one of the most threatened in Brazil and the implementation of Conservation Units (CU) represents a measure for protecting its natural resources and biodiversity.The Station Ecological of Seridó (ESEC-Serido) is one of the few CU in the C (mais) aatinga of Rio Grande do Norte State (NE Brazil) and interacts with several neighboring communities and settlements. However the ESEC does not integrate environmental perception feedback from the local communities in its management plan. Considering this, the present articles aims at identifying the perceptions and concepts of such communities regarding environmental issues and biodiversity as well as indicate strategies to improve the administration of this CU. In order to achieve these goals, a review of the specialized literature was carried out and a research tool based on Environmental Perception was developed in the form of structured interviews applied to the persons from communities neighboring the ESEC. These interviews were later processed through content analysis. The concepts and perceptions obtained through this analysis show that the people from the environs are aware of the main problems faced by ESEC-Seridó, as well as the strategies to address them.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

19

Comparações florísticas e estruturais entre comunidades de Floresta Ombrófila Aberta com diferentes idades, no Município de Areia, PB, Brasil/ Floristic and structural comparisons of Ombrophilous Forest communities of different ages, in Areia Municipality, Paraíba State, Brazil

Oliveira, Francieldo Xavier de; Andrade, Leonaldo Alves de; Félix, Leonardo Pessoa
2006-12-01

Resumo em português O presente estudo foi desenvolvido na Reserva Ecológica Estadual Mata do Pau-Ferro, localizada na Microrregião do Brejo Paraibano, Município de Areia. Com o objetivo de avaliar comparativamente a estrutura e a composição florística de floresta em trechos de diferentes idades, foram selecionadas seis capoeiras, assim caracterizadas: duas capoeiras de sete anos (C7); duas de 15 anos (C15) e duas de 20 anos (C20). Em cada uma das capoeiras foram plotados três transcec (mais) tos medindo 4×35 m, nos quais foi efetuado o inventário do estrato arbustivo-arbóreo e da regeneração natural. Todos os indivíduos que apresentavam altura > 0,2 m foram identificados pelo nome popular, tomados o diâmetro ao nível do solo e a altura total. Foram amostrados 4.997 indivíduos, pertencentes a 40 famílias, 74 gêneros e 90 espécies, em uma área amostral total de 2.520 m². A área basal nas capoeiras de diferentes idades foi de 2,5; 11,5 e 37,6 m² ha-1 para C7, C15 e C20, respectivamente. As espécies que apresentaram os maiores Valores de Importância nos três grupos de capoeiras foram: Diplotropis purpurea (Rich) Amchoff, Machaerium aculeatum Raddi, Erytroxylum pauferrense Plowman, Albizia polycephala (Benth.) Killip, Verbesina diversifolia DC., Allophylus laevigatus Radlk, Guapira opposita (Vell.) Reitz, Malouetia cestroides Muell. Arg. e Talisia esculenta (A. St.-Hil.) Radlk. Constatou-se que há um aumento em complexidade das comunidades com o tempo após distúrbio, resultante do ingresso de novas espécies (aumento da riqueza), aumento da biomassa (área basal), densidade e eqüitabilidade. A estrutura da floresta de 20 anos aproxima-se do esperado para florestas maduras, com base na distribuição dos indivíduos entre classes de tamanho. Resumo em inglês This study was conducted at Mata do Pau-ferro State Ecological Reserve, Brejo Paraibano, Areia, Paraiba. Six regenerating sites were selected to evaluate structure and floristic composition of the forest at different ages: two sites were seven years old (C7); two were 15 (C15) and two were 20 (C20). The shrub-tree stratum and natural regeneration were surveyed in three plots (4×35 m) at each site. All individuals > 0.2 m in height were identified by common name; dia (mais) meter at ground level and total height were measured. We recorded 4997 individuals in 40 families, 74 genera and 90 species, in a total area of 2520 m². The basal area of the forest at different ages was 2.5, 11.5 and 37.6 m² ha-1 for C7, C15 e C20, respectively. The species with highest importance values at the three sites were: Diplotropis purpurea (Rich) Amchoff, Machaerium aculeatum Raddi, Erythroxylum pauferrense Plowman, Albizia polycephala (Benth.) Killip, Verbensina diversifolia DC., Allophylus laevigatus Radlk., Guapira opposita (Vell.) Reitz, Malouetia cestroides Muell. Arg. and Talisia esculenta (A. St.-Hil.) Radlk. We observed an increment in community complexity related to time after disturbance, resulting from incoming new species (higher richness), increased biomass (basal area), density and equitability. Our results indicate that the structure of the 20-year-old forest, as revealed by height-class distribution, is close to that expected for mature forests.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

20

Avaliação de brigadas de incêndios florestais em unidades de conservação/ Evaluation of forest fire volunteer brigades in conservation units

Silva, Júlio César da; Fiedler, Nilton César; Ribeiro, Guido Assunção; Silva Júnior, Manoel Cláudio da
2003-02-01

Resumo em português O objetivo deste estudo foi determinar as condições de trabalho e o nível de treinamento das brigadas voluntárias de prevenção e combate aos incêndios florestais do Jardim Botânico de Brasília, da Reserva Ecológica do IBGE e da fazenda Água Limpa da Universidade de Brasília. Os estudos foram realizados no primeiro semestre de 2000 na sede das três brigadas, localizadas nas respectivas Unidades de Conservação, tendo como metodologia o emprego de questionári (mais) os e entrevistas com os brigadistas e coordenadores. O conjunto de dados foi analisado para as três brigadas, mostrando que o melhor nível de treinamento e satisfação dos brigadistas foi encontrado na brigada da Reserva Ecológica do IBGE e o pior, na brigada da fazenda Água Limpa da UnB. As três brigadas não contam com equipamentos de proteção individual para todos os brigadistas, faltando também equipamentos de combate e ferramentas. Nenhuma brigada dispõe de máquinas para manutenção de estradas e aceiros. Somente a brigada da Reserva Ecológica do IBGE conta com caminhão-pipa para ações de combate. A brigada da fazenda Água Limpa foi a que apresentou maior participação em campanhas educativas junto às comunidades do entorno. Pode-se concluir que, de maneira geral, as brigadas apresentaram bom nível de capacitação e treinamento, demonstrando que apesar da limitação de equipamentos e ferramentas têm conseguido debelar pequenos focos de incêndios florestais. O problema mais grave verificado nas três brigadas foi a falta de equipamentos de proteção individual para todos participantes de ações de combate, gerando riscos de acidentes. Resumo em inglês The objective of this study was to determine the working conditions and training level of forest fire volunteers of the Jardim Botânico de Brasília, IBGE Ecological Reserve and Água Limpa Farm, Universidade de Brasília. The study was carried out during the first semester of 2000 on the headquarters of the three brigades located in each Conservation Unit. The methodology consisted in applying questionnaires and interviews to the brigadiers and their coordinators. The d (mais) ata set was analyzed for the three brigades, with the best training level and brigadier satisfaction being found at the IBGE Ecological Reserve, and the worst at the UnB´s Água Limpa Farm. No individual protection equipment was available to the forest fire fighters and the number of forest fire fighting equipments and tools was not sufficient. No road maintenance machines were at the disposal of the brigades. Only the IBGE Ecological Reserve Brigade was supplied with a pipe truck for forest fire fighting. Água Limpa farm Brigade had the greatest participation in educational campaigns at the nearby communities. It was concluded that all the brigades have a good training and skill level and despite the limitation of tools and equipments, they are able to fight small forest fires. The worst problem found was the lack of individual protection during forest fire fighting, what may cause accidents.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

21

A usina hidrelétrica de Yacyretá: insustentabilidade e exclusão social no rio Paraná (Corrientes, Argentina)/ Yacyretá dam: unsustainability and social exclusion in the Paraná River (Corrientes, Argentina)

Ulloa, Víctor; Bellini, Luzia Marta
2009-12-01

Resumo em português A promoção de megaobras é comumente baseada em idéias de desenvolvimento e de progresso. Contudo, o informe apresentado pela Comissão Mundial de Represas em novembro de 2000, responsabilizou às grandes barragens, os projetos de desenvolvimento regional sustentável por excelência, como geradoras de uma série de danos sociais e ambientais. Destarte, o objetivo do artigo é estudar e analisar as transformações sociais ocorridas nas comunidades de ilhéus e ribeiri (mais) nhos de Ituzaingó a partir das mudanças na paisagem ecológica decorrentes da construção da Usina Hidrelétrica de Yacyretá (Corrientes, Argentina). Desse modo, analisaram-se as características gerais da barragem e as principais contradições ambientais e sociais percebidas na cidade e na comunidade de pescadores-lavradores. Os resultados mostraram, por um lado, que para os ex-ilhéus e ex-ribeirinhos não há medida de mitigação capaz de compensar a perda do seu anterior modo de vida, por outro, uma clara falta de seriedade nas políticas socioambientais de Yacyretá. E ainda, um escasso ou nulo desenvolvimento de Ituzaingó e região após a construção da barragem. Resumo em inglês The promotions of mega-constructions are usually based in ideas of development and progress. However, the report showed by the World Commission on Dams in November of 2000, responsabilized the big reservoirs, main projects on sustainable regional development, as generators of social and environmental damages. Thus, the main objective of the present study was to investigate the social transformations in the communities of the islanders and riparian people from Ituzaingó, (mais) from the changes in the ecological landscape since the constructions of the hydroelectric power plants of Yacyretá (Corrientes, Argentina). Thereby, were analyzed the general characteristics of the dam and the main environmental and social contradictions detected in the city and in the traditional communities of the islanders and riparian people. The results showed, in a way, for the ex-islanders and ex-riparian people any mitigation measure is not able to compensate the loss of his previous way of life; and on the other hand, the lack of serious social and environmental politics of Yacyretá dam, and besides of this, a small or no development of Ituzaingó and region after construction of the dam.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

22

Dinâmica de foliação e perfilhamento de duas gramíneas C4 e uma C3 nativas do Cerrado/ Leaf and tiller dynamics of two C4 and one C3 native grass species of the Brazilian Cerrado vegetation

SILVA, DULCE ALVES DA; KLINK, CARLOS AUGUSTO
2001-12-01

Resumo em português Este estudo comparou a fenologia de três gramíneas nativas do Cerrado em dois níveis estruturais: variação do número de folhas por perfilho (colmo) e do número de perfilhos por planta. As espécies C4 Axonopus marginatus (Trin.) Chase e Trachypogon marginatus (L.f.) Kuntze e a C3 Echinolaena inflexa (Poir.) Chase foram estudadas na Reserva Ecológica do IBGE em Brasília, Distrito Federal, entre novembro de 1996 e junho de 1998. A fenologia de perfilhos foi compara (mais) da em três comunidades vegetais: cerrado denso protegido de fogo por 26 anos, campo sujo protegido de fogo por 22 anos e campo sujo queimado bienalmente. A fenologia de folhas foi estudada apenas no cerrado denso. O número de folhas da espécie C3 foi sempre maior que das C4. A área foliar foi constante durante todo o período na espécie C3, mas decresceu nas espécies C4 durante a estação seca. Para as espécies A. marginatus e E. inflexa, o número de perfilhos foi maior no campo sujo protegido, seguido de cerrado denso protegido e do campo sujo queimado. O número de perfilhos de T. spicatus no campo sujo protegido foi o dobro do encontrado no campo sujo queimado; o campo sujo queimado, não diferiu do cerrado denso. As diferenças fenológicas foram mais claras no nível foliar que no de perfilhos. O fogo promoveu a simplificação da arquitetura da planta nas três espécies. Resumo em inglês We compared the phenology of three native Cerrado grasses at two levels of plant organization: number of leaves per tiller and number of tillers per plant. The C4 Axonopus marginatus (Trin.) Chase and Trachypogon spicatus (L.f.) Kuntze and the C3 Echinolaena inflexa (Poir.) Chase were studied in the IBGE Ecological Reserve in Brasília, Distrito Federal, between November 1996 and June 1998. Tiller phenology was compared in three plant communities: "Cerrado denso" protecte (mais) d from fire for 26 years, "campo sujo" protected for 22 years and "campo sujo" burned every other year. Leaf phenology was studied in the protected "cerrado denso" only. The number of leaves of the C3 species was always greater than the C4 species. Leaf area was constant through time in the C3 species but decreased in the C4 species during the dry season. For A. marginatus and E. inflexa the number of tillers per plant was greater in the protected "campo sujo", followed by the "cerrado denso" and the burned "campo sujo". The number of tillers of T. spicatus in the protected "campo sujo" was twice the number of tillers in the burned "campo sujo"; burned "campo sujo" did not differ from the "cerrado denso". The phenological differences between species were most evident at the leaf level. Fire caused the simplification of plant architecture (number of tillers) in all species.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

23

Comunidades microbianas, atividade enzimática e fungos micorrízicos em solo rizosférico de "Landfarming" de resíduos petroquímicos/ Microbial communities, enzymatic activity and mycorrhizal fungi in rhizospheric soil used for Landfarming of Petrochemical Waste

Nakatani, André Shigueyoshi; Siqueira, José Oswaldo; Soares, Cláudio Roberto Fonsêca Sousa; Lambais, Marcio Rodrigues
2008-08-01

Resumo em português As raízes das plantas podem estimular a microbiota do solo, a qual pode contribuir para o aumento da eficiência do processo de remediação. Assim, avaliar a magnitude dos efeitos das raízes sobre a microbiota do solo é de grande interesse e de relevância prática e ecológica. Neste trabalho, avaliaram-se a densidade microbiana, a atividade enzimática, a estrutura da comunidade bacteriana e a presença de fungos micorrízicos arbusculares (FMAs) na rizosfera de pla (mais) ntas de ocorrência espontânea em solo de sistema de "landfarming" de resíduos petroquímicos. Avaliaram-se também solos rizosféricos de cinco plantas e solo-controle sem planta por meio de contagens de microrganismos em placas, eletroforese em gel com gradiente desnaturante (DGGE) de fragmentos do gene rRNA 16S, seqüenciamento genético, atividades enzimáticas, percentagem de colonização radicular e contagem e identificação de esporos de FMAs. As plantas estimularam a densidade microbiana total e da população de degradadores de antraceno, com contagens médias de 1,5 x 10(6) e 2,2 x 10(6) UFC g-1 no solo seco, respectivamente, enquanto, no solo sem planta, essas contagens foram de 5,7 x 10(5) e 2,9 x 10(5) UFC g-1 no solo seco para os respectivos grupos microbianos. As espécies de maior efeito foram Bidens pilosa e Eclipta alba. Entretanto, esses efeitos estimulantes não foram verificados para a atividade enzimática do solo. A colonização micorrízica das raízes (em torno de 40 %) e a densidade de esporos nos solos rizosféricos foram elevadas (entre 900 e 4.800 esporos por 50 cm³ de solo), sendo maior na Brachiaria decumbens. Foram identificadas quatro espécies de FMAs: Acaulospora morrowiae, Glomus intraradices, Paraglomus occultum e Archaeospora trappei. Com exceção de G. intraradices, essas espécies não foram observadas em áreas contaminadas por hidrocarbonetos de petróleo. A análise por DGGE revelou que os solos rizosféricos apresentaram comunidades bacteriana diferente do solo sem plantas. As bactérias degradadoras de antraceno isoladas apresentaram relação filogenética com os gêneros Streptomyces, Nocardioides, Arthrobacter, Pseudoxanthomonas e com gêneros não identificados das famílias Cellulomonadaceae, Xanthomonadaceae e Rhodobacteraceae, sendo quatro destes isolados pertencentes aos actinomicetos. Apenas Nocardioides e o gênero relacionado com a família Cellulomonadaceae foram relatados em áreas brasileiras contaminadas com hidrocarbonetos de petróleo. Conclui-se que as plantas estimulam o aumento da densidade de células bacterianas e alteram a comunidade microbiana do solo de "landfarming" de resíduo petroquímico. Resumo em inglês The presence of plants stimulates soil microbiota, which may contribute to soil remediation. It is of great interest to quantify these effects on heterotrophic microorganisms due to their practical and ecological relevance. The following factors were evaluated: bacterial cell density, enzymatic activity, bacterial community structure and the spontaneous occurrence of arbuscular mycorrhizal fungi (AMF) in the plant rhizosphere in an area of land farming of petrochemical wa (mais) stes, using a rhizospheric soil under five plants and control soil without plants. The following evaluation methods were applied: microorganism plate counts, molecular methods, denaturing gradient gel electrophoresis (DGGE) and gene sequencing, colorimetric methods for enzymes and percentage of root colonization, counting and identification of AMF spores. Total and anthracene degrading microbial density were stimulated by the presence of plants, with average counts of 1.5x10(6) and 2.2x10(6) CFU g dry soil-1, respectively, while soil without plants soil counts were 5.7x10(5) and 2.9x10(5) CFU g dry soil-1 for the respective microbial groups. The species Bidens pilosa and Eleusine indica had the highest stimulatory effects on microbial density. No stimulating plant effects of soil enzymatic activity were verified. Root mycorrhizal colonization (around 40 %) and AMF spore density was high in rhizopheric soils (between 900 and 4,800 spores 50 mL soil-1), especially in B. decumbens. Four AMF species were identified in this soil: Acaulospora morrowiae, Glomus intraradices, Paraglomus occultum and Archaeospora trappei. Aside from G. intraradices, this is the first report of the occurrence of these species in petroleum hydrocarbon contaminated areas. The DGGE analysis revealed existence of different bacterial communities in different treatments. The isolated anthracene degrading bacteria were related with the genera: Streptomyces, Nocardioides, Arthrobacter, Pseudoxanthomonas and non-identified genera of the families Cellulomonadaceae, Xanthomonadaceae and Rhodobacteraceae. Four of the identified genera belong to the actinomycetes. Only Nocardioides and the isolate related to the Cellulomonadaceae family have already been reported in areas contaminated with petroleum hydrocarbon in Brazil. In conclusion the presence of plants enhances soil bacterial cell density and alters the bacterial community in landfarming of petrochemical wastes.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

24

Caracterização da fauna edáfica em diferentes coberturas vegetais na região norte Fluminense/ Characterization of soil fauna in different vegetation covers in the northern Fluminense region (RJ)

Moço, Maria Kellen da S.; Gama-Rodrigues, Emanuela Forestieri da; Gama-Rodrigues, Antonio Carlos da; Correia, Maria Elizabeth F.
2005-07-01

Resumo em português O sistema solo-serapilheira é o habitat natural para grande variedade de organismos, que diferem em tamanho e metabolismo, responsáveis por inúmeras funções. O monitoramento dos grupos de fauna no sistema solo-serapilheira permite não só uma inferência sobre a funcionalidade destes organismos, mas também uma indicação simples da complexidade ecológica dessas comunidades. O presente trabalho teve como objetivo caracterizar a distribuição da fauna edáfica nos (mais) compartimentos solo e serapilheira em duas épocas do ano e em cinco diferentes coberturas vegetais (eucalipto, floresta não preservada, floresta preservada, capoeira, pasto) no Norte Fluminense. As coberturas de floresta natural, especialmente das florestas preservadas e não preservadas, mostraram, de maneira geral, valores de densidade e riqueza de fauna superiores aos de eucalipto e pasto, tanto no solo quanto na serapilheira, nas duas épocas de coleta. Em geral, não houve preferência dos grupos de fauna pelos compartimentos solo e serapilheira. A densidade de fauna, riqueza de espécies, índice de Shannon e índice de Pielou também variaram conforme a época de coleta, sendo, no verão, estabelecidas maiores diferenças entre as diferentes coberturas vegetais estudadas do que no inverno. O índice de Pielou foi a variável mais estável e, portanto, mais apropriada para o estudo da dissimilaridade entre as coberturas vegetais em termos de distribuição dos grupos de fauna. Resumo em inglês The soil-litter system is a natural habitat for a great variety of organisms that differ in size and metabolism and are responsible for numerous functions. The study of groups of organism in the soil-litter system allows not only to make inferences on the functionality of these organisms, but also is a simple indication of the ecological complexity in these communities. Our study aimed at characterizing the distribution of groups of organism in soil and litter compartment (mais) s in two seasons of the year (wet summer and dry winter) under five different vegetation covers (eucalyptus, non-preserved forest, preserved forest, regenerating forest ('capoeira'), and pasture) in the northern Fluminense region (RJ, Brazil). Both soil and litter under the natural forest covers, in particular the preserved and non- preserved forest, generally showed higher organism density and abundance values than eucalyptus and pasture for in both collecting seasons. In general, there was no preference of organism groups for soil or litter. The organisms density and abundance, Shannon's index and Pielou's index also varied according to the season of the year and the differences among vegetation covers were more distinct in the summer than in the winter season. The Pielou's index was the most stable variable and, therefore, the most appropriate to study the dissimilarities among the vegetation covers in terms of distribution of groups of organisms.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

25

Chuva de sementes em fragmentos de Floresta Atlântica (São Paulo, SP, Brasil), sob diferentes situações de conectividade, estrutura florestal e proximidade da borda/ Seed rain in Atlantic forest fragments (São Paulo State, SP, Brazil) with different connectivity, forest structure and distance to edge

Pivello, Vânia Regina; Petenon, Daniela; Jesus, Flávia Moraes de; Meirelles, Sérgio Tadeu; Vidal, Mariana Morais; Alonso, Regina de Azevedo Soares; Franco, Geraldo Antônio Daher Corrêa; Metzger, Jean Paul
2006-12-01

Resumo em português A composição da chuva de sementes permite inferir sobre o desenvolvimento, o direcionamento sucessional e a regeneração de comunidades vegetais. Em paisagens fragmentadas, é grandemente influenciada pela conectividade entre fragmentos remanescentes e pela estrutura da vegetação. Foram comparadas as chuvas de sementes em três fragmentos de Mata Atlântica (Caucaia do Alto, SP), em função de seus tamanhos, graus de conectividade na paisagem, situação de borda e (mais) interior, grau de perturbação e características estruturais da vegetação, para verificar a influência desses parâmetros nas respectivas chuvas de sementes. As sementes foram classificadas conforme síndrome de dispersão primária, hábito e tipo funcional das espécies. Foi testada a possível influência da borda sobre esses atributos (qui-quadrado). Padrões entre características dos fragmentos (tamanho, conexão), posição dos coletores (borda, interior) e a abundância dos diferentes diásporos foram explorados por análise de correspondência destendencionada (DCA) e análise de correlação de Spearman. Das 28.873 sementes coletadas, a maioria foi de espécies arbóreas (80,7%) e zoocóricas (73,7%). No fragmento "pequeno/isolado" houve predominância de espécies arbóreas tardias. O fragmento "pequeno/conectado" mostrou características opostas às do isolado. O fragmento "grande/fonte", com a maior diversidade, mostrou uma situação bem definida de borda e interior. Com base nesses parâmetros, os padrões encontrados sugerem uma melhor qualidade ecológica do fragmento "pequeno/isolado", seguido do "grande/fonte" e, finalmente, do "pequeno/conectado". Houve uma oposição entre os efeitos de conectividade e estrutura da vegetação, tendo esta sido mais importante na determinação dos padrões encontrados quanto ao hábito, tipo funcional e síndrome de dispersão das espécies das chuvas de sementes do que a conectividade da paisagem. Resumo em inglês Information on seed-rain composition of plant communities allows predictions concerning the successional development of the community and its recovery potential. In fragmented landscapes, seed rain is highly influenced by the connectivity among the remaining fragments and by vegetation structure. In this study we compared the seed rain of three fragments of Atlantic forest (Caucaia do Alto, SP), taking into account fragment size, connectivity in the landscape, edge/interi (mais) or condition, vegetation structure, and previous disturbance, to verify how these parameters affected the seed rain. Seeds were classified according to primary dispersal syndrome, species life form, and functional type. Based on species attributes, we tested for possible edge effects (chi-squared). We searched for relationships among fragment features (size, connectivity), seed trap position (edge, interior), and the abundance of each diaspore type through detrended correspondence analysis (DCA) and Spearman correlation test. The majority of the 28,873 seeds belonged to arboreal (80.7%) and zoochoric species (73.7%). Late successional tree species predominated in the "small/isolated" fragment, while the "small/connected" fragment showed opposite characteristics. The "large/source" fragment had the highest species diversity and a well-defined edge. Based on these parameters, patterns point to a better ecological condition in the "small/isolated" fragment, followed by the "large/source", and finally by the "small/connected" fragments. We found a contrast between the effects of connectivity and vegetation structure; the latter was more important than fragment connectivity in determining patterns of life form, functional type and dispersal syndrome of seed-rain species.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

26

Análise das variações florísticas e estruturais da comunidade arbórea de um fragmento de floresta semidecídua às margens do rio Capivari, Lavras-MG/ Analysis of the floristic and structural variations of a tree community in a tropical semideciduous forest fragment on the margins of the Capivari river, Lavras, southeastern Brazil

Souza, Josival Santos; Espírito-Santo, Fernando Del Bon; Fontes, Marco Aurélio Leite; Oliveira-Filho, Ary Teixeira de; Botezelli, Luciana
2003-04-01

Resumo em português Realizou-se um estudo das variações florísticas e estruturais da comunidade arbórea em um fragmento de Floresta Estacional Semidecídua situado às margens do rio Capivari, em Lavras, Minas Gerais, com o objetivo de analisar as correlações entre variáveis ambientais (edáficas, topográficas e morfométricas do fragmento) e a distribuição das espécies arbóreas. Procurou-se, também, ampliar o conhecimento sobre a composição florística e a estrutura fitossoci (mais) ológica das comunidades arbóreas da região do alto rio Grande. As espécies arbóreas foram amostradas em coletas extensivas na área e intensivas dentro de 28 parcelas de 20 ´ 20 m, tendo sido considerados apenas os indivíduos com DAP > 5 cm. As parcelas foram distribuídas em cinco transeções, dispostas paralelamente à inclinação predominante do terreno. As variáveis ambientais foram obtidas por meio do levantamento topográfico do fragmento e de análises químicas e granulométricas de amostras dos solos. As correlações entre distribuição das abundâncias das espécies e as variáveis ambientais nas parcelas foram avaliadas por análise de correspondência canônica (CCA). A listagem florística registrou 166 espécies, sendo 140 encontradas dentro das parcelas. A comunidade arbórea apresentou um elevado índice de diversidade de Shannon (H' = 4,258 nats/indivíduo), correlacionado à baixa dominância ecológica (alta equabilidade de Pielou, J' = 0,862) e, possivelmente, à alta heterogeneidade ambiental local. A CCA demonstrou que a heterogeneidade ambiental do fragmento é caracterizada principalmente pela topografia acidentada e pelas variações de fertilidade, granulometria e regime hídrico dos solos, sendo este último o mais fortemente correlacionado com a distribuição das espécies. Muitas espécies arbóreas mostraram clara preferência por dois habitats: a baixa encosta, com solos mais úmidos e férteis, e a alta encosta, com solos menos úmidos e férteis e mais sujeita ao efeito borda. Resumo em inglês A study of the floristic and structural variations of a tree community was carried out in a tropical semideciduous forest fragment, located on the margins of the Capivari river, in Lavras, Minas Gerais, Brazil, to analyze the correlations between environmental variables (related to soil, topography and fragment shape) and the distribution of tree species. The study also aimed to increase the understanding on the floristic composition and phytosociological structure of tre (mais) e communities in the upper Rio Grande region. Tree species were sampled in extensive collecting excursions as well as through 28 sample plots of 20 ´ 20 m, where all individuals with dbh > 5 cm were registered. The plots were distributed into five transects placed parallel to the predominant slope of each site. The environmental variables were obtained through a topographic survey of the fragment and chemical and textural analyses of soil samples. The correlations between the distribution of species abundance and environmental variables in the plots were assessed by canonical correspondence analysis (CCA). The floristic checklist contained 166 species, out of which 140 were found inside the sample plots. The tree community produced a high Shannon diversity index (H' = 4.258 nats/individual), correlated to low ecological dominance (high Pielou evenness, J' = 0.862), and possibly to high local environmental heterogeneity. The CCA showed that the environmental heterogeneity of the fragment is characterized mainly by the steep topography and by the variations in soil fertility, texture and ground water regime. The latter is most strongly correlated with the distribution of the tree species. The analysis indicated that many tree species in the fragment show preference for either of the following two habitats: the lower slope, with moister and more fertile soils; and the upper slope, with less moist and fertile soils, and more liable to edge effects.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

27

Unidade de contexto e observação social sistemática em saúde: conceitos e métodos/ Context unit and systematic social observation: a review of concepts and methods

Proietti, Fernando Augusto; Oliveira, Cláudia Di Lorenzo; Ferreira, Fabiane Ribeiro; Ferreira, Aline Dayrell; Caiaffa, Waleska Teixeira
2008-09-01

Resumo em português Assumimos que "onde você mora é importante para sua saúde, para além de quem você é". Entendemos que o impacto do local de moradia ou unidade de contexto (UC) na saúde das populações se deve à heterogeneidade dos atributos do entorno físico e social da UC, para além das características individuais ou agregadas daqueles ali aninhados. Estes atributos, embora dependentes dos indivíduos, são tipicamente externos a eles e potencialmente modificáveis. As UC sã (mais) o compreendidas como unidades ecológicas inseridas em conjuntos sucessivamente mais amplos e interdependentes. Quando relevante para a hipótese do estudo, unidades geográficas administrativas podem ser utilizadas como aproximações da UC. Outra alternativa é a que utiliza a percepção de seus moradores, a "vizinhança percebida". O ressurgimento do interesse com relação à determinação dos efeitos da UC sobre a saúde correlaciona com novas tendências na área da saúde coletiva: incorporação de novos níveis hierárquicos de exposição, as iniqüidades e seus determinantes, a urbanização e seus efeitos e a avaliação de intervenções multi-setoriais. Nosso objetivo central é rever opções para a escolha da UC a ser investigada além de estratégias para a aferição de seus atributos físicos e sociais, utilizando a observação social sistemática (OSS). A combinação de dados originárias de dados administrativos, da vizinhança percebida, dos inquéritos populacionais e da OSS ainda necessita de maiores elaborações conceitual, metodológica e analítica. Entretanto, a compreensão da distribuição dos atributos físicos e sociais da UC permite compor níveis hierárquicos de complexidade relevantes para o entendimento da ocorrência dos eventos relacionados à saúde nas populações. Resumo em inglês We understand that "where one lives makes a difference to health in addition to who you are", and that the effects of the place of residence or context unit (CU) on public health are due to the heterogeneity of the physical and social environment characteristics, in addition to the individual and aggregate attributes of the population nested in the CU. Those attributes, although intrinsically dependent on the individuals, are typically external to them and susceptible to (mais) intervention. Also, the UC's are understood as ecological units nested within successively larger communities. Depending on the study hypothesis, census-defined areas may be used as proxy for the CU. Alternatively, the CU may be defined by the individual's perception of his/her neighborhood. The renewed interest on the health effects of the CU are associated with new trends in public health, namely: new hierarchical levels of exposure beyond individual level characteristics, inequalities and social determinants of health, urbanization and the need to evaluate interventions not traditionally associated to public health. Our objective was, first, to review options while choosing the relevant CU and second, to review strategies to determine and quantify the characteristics of the CU using social systematic observation (SSO). The combination of census-defined data, information on the neighborhood defined by the local population, surveys and SSO still needs conceptual, methodological and analytical development. However, the distribution of the physical and social attributes of the CU will permit to incorporate other hierarchical level of complexity to better understand the incidence and prevalence of health related events in populations.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

28

Rumo a uma abordagem integrada da conservação e uso sustentável da biodiversidade: lições aprendidas a partir do projeto da biodiversidade do Rio Rideau/ Towards an integrated approach to the conservation and sustainable use of biodiversity: lessons learned from the Rideau River biodiversity project

Johnson, Martha C.; Poulin, Michel; Graham, Mark
2007-06-01

Resumo em português Na busca de estratégias para a conservação dos recursos biológicos globais, vem sendo reconhecido, com intensidade crescente, que os métodos científicos convencionais e os arranjos institucionais nem sempre são eficientes para se lidar com a complexidade embutida nas dimensões biofísicas e sociopolíticas desta problemática. No enfrentamento desses desafios, torna-se necessária uma abordagem integrada, capaz de combinar métodos científicos com valores societ� (mais) �rios. As pesquisas participativas promovem mudanças sociais ao capacitarem as comunidades a encontrar opções adequadas - do ponto de vista coletivo e cultural - para a concretização do desenvolvimento sustentável nos seus próprios termos. A gestão ecossistêmica reconhece a interconectividade dos sistemas sociais e ecológicos e tenta articular a pesquisa científica, a formulação de políticas públicas e o estabelecimento de objetivos societários por meio de pesquisas interdisciplinares e processos de tomada de decisões envolvendo múltiplos atores sociais. Em 1998, o Canadian Museum of Nature (CMN), sediado em Ottawa, em parceria com agências governamentais, instituições educacionais e grupos comunitários iniciaram um estudo multidisciplinar de três anos sobre a saúde do ecossistema do Rio Rideau, na região oriental de Ontário. Este artigo apresenta o Projeto de Conservação da Biodiversidade do Rio Rideau - PBRR (Rideau River Biodiversity Project - RRBP) como um estudo de caso baseado na aplicação de uma abordagem integrada para avaliar a biodiversidade de um ecossistema de água doce. Na parte final, apresentamos uma estrutura conceitual para a construção de uma abordagem integrada da conservação e do uso sustentável da biodiversidade, capaz de combinar os pontos fortes da pesquisa participativa no nível comunitário e da gestão ecossistêmica, mediante um processo de aprendizagem social e investigação transdisciplinar. Resumo em inglês In the quest to conserve global biological resources there has been a growing recognition that conventional scientific methods and institutional arrangements are not always effective in dealing with the biophysical complexities and sociopolitical dimensions of biodiversity issues. Meeting these challenges requires an integrated approach that combines scientific methods with societal values. Community-based research promotes social change, by building the capacity of commu (mais) nities to find collective and culturally appropriate ways to achieve sustainable development on their own terms. Ecosystem management recognizes the interconnectedness of social and ecological systems and attempts to link science, policy and societal goals through interdisciplinary research and multistakeholder decision-making. In 1998, the Canadian Museum of Nature in Ottawa, Canada, in partnership with government agencies, educational institutions and community groups began a three-year multidisciplinary study of the ecosystem health of the Rideau River in eastern Ontario, Canada. This paper presents the Rideau River Biodiversity Project as a case study in the application of an integrated approach to assess the biodiversity of an aquatic ecosystem. Ultimately, we present a framework for an integrated approach to the conservation and sustainable use of biodiversity that combines the strengths of community-based research and ecosystem management through a process of social learning and transdisciplinary inquiry.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

29

Produção e espessura da serapilheira na borda e interior de fragmentos florestais de Mata Atlântica de diferentes tamanhos/ Litter production and accumulation in the edge and interior of Atlantic Rain forest fragments of different sizes

Portela, Rita de Cássia Quitete; Santos, Flavio Antonio Maës dos
2007-06-01

Resumo em português A fragmentação florestal é um dos principais impactos antrópicos a comunidades naturais da atualidade, podendo levar à extinção muitas espécies e também alterar muitos processos ecológicos. O presente trabalho teve como objetivo avaliar a influência do tamanho e da borda de fragmentos florestais na produção e espessura da serapilheira e na abertura do dossel de quatro fragmentos florestais de Mata Atlântica de diferentes tamanhos. A produção de serapilheir (mais) a foi maior no maior fragmento (8,90 t ha-1 ano-1 no interior e na borda 8,76 t ha-1 ano-1), do que nos três fragmentos pequenos (7,26 t ha-1 ano-1 na interior e 7,27 t ha-1 ano-1 na borda), já a espessura da camada de serapilheira depositada sobre o solo e a abertura do dossel da floresta não apresentaram relação com o tamanho do fragmento. Não foi encontrada diferença entre a produção e espessura de serapilheira e a abertura do dossel entre áreas de borda e de interior. A estação seca teve influência direta no aumento da produção de serapilheira. Com relação à área do fragmento, podemos inferir que a diferença entre queda e espessura de serapilheira deve estar relacionada com diferenças de taxa de decomposição nesses fragmentos, sendo maior no fragmento grande devido à maior umidade. Não houve relação entre a produção de serapilheira e a abertura do dossel, provavelmente devido à grande heterogeneidade espacial causada pela freqüência de clareiras e complexidade estrutural e deciduidade da floresta. Resumo em inglês Nowadays, forests fragmentation is one of the main impacts in the natural communities and can lead to extinction of many species and modifications in many ecological processes. The present work aimed to evaluate the influence of the size and the edge of forest fragments in the production and accumulation of litter and in the canopy openness of four different-size forest fragments of the Atlantic Forest. The litter production was bigger in the larger fragment (8.90 t ha-1 (mais) year-1 in the interior and 8.76 t ha-1 year-1 in the edge) than in the three smaller fragments (7.29 t ha-1 year-1 in the interior and 7.27 t ha-1 year-1 in the edge), however the thickness of the litter layer deposited on the ground and the canopy openness of the forest had no relation with the size of the fragments. No difference was found in the production and accumulation of litter and canopy openness between areas of edge and interior. The dry season had a direct influence in the increase of the litter production. Concerning the fragment area, we can infer that the difference between litterfall and accumulation on the ground might be related with the greater decomposition rates in the larger fragment, due to the higher humidity. No relation between litter production and canopy openness was found, probably because of the great spatial heterogeity caused by the frequency of gap formation and structural complexity and deciduousness of the forest.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

30

Pequenos mamíferos não-voadores da Reserva Florestal do Morro Grande: distribuição das espécies e da diversidade em uma área de Mata Atlântica/ Non-volant small mammals from the Morro Grande Forest Reserve: distribution of species and diversity in an Atlantic Forest area

Pardini, Renata; Umetsu, Fabiana
2006-01-01

Resumo em português Pequenos mamíferos não-voadores, grupo ecológico mais diversificado de mamíferos das florestas Neotropicais, influenciam a dinâmica florestal e são bons indicadores de alterações locais do habitat e da paisagem. Entretanto, padrões de distribuição das espécies e da diversidade são pouco conhecidos e poucos dos maiores remanescentes de Mata Atlântica foram inventariados adequadamente. Utilizando o levantamento por nós realizado na Reserva Florestal do Morro (mais) Grande, São Paulo, e outros 20 levantamentos de pequenos mamíferos não-voadores realizados em áreas de Mata Atlântica, este trabalho tem por objetivo (1) apresentar a lista de espécies e a estrutura da comunidade de pequenos mamíferos não-voadores da Reserva, (2) descrever como a diversidade se distribui no espaço e no tempo na Reserva e (3) investigar como a diversidade destes animais é afetada pelos métodos de amostragem. A fauna de pequenos mamíferos não-voadores da Reserva inclui muitas espécies raras e características de matas maduras, e espécies comuns pertencentes a gêneros que em geral dominam outras áreas grandes e bem preservadas de Mata Atlântica. O número total de espécies é elevado, em parte devido à inclusão de armadilhas de queda na amostragem, mas provavelmente também por sua localização e altitude. A partição aditiva da diversidade indica que a maior parte da diversidade é encontrada localmente nos sítios de amostragem, secundariamente entre sítios do mesmo habitat e apenas uma menor parte entre habitats, indicando a importância da heterogeneidade da floresta em micro-escala para a distribuição de pequenos mamíferos não-voadores. A abundância e a riqueza não variaram entre os dois anos de amostragem, sendo possível que as populações e comunidades de matas contínuas sejam mais estáveis temporalmente. Porém, variaram sazonalmente, com valores altos no final da estação chuvosa e baixos no final da estação seca. As armadilhas de queda mostraram-se extremamente eficientes na captura de pequenos mamíferos não-voadores. Resumo em inglês Non-volant small mammals, the most diverse ecological group of mammals in Neotropical forests, play an important role in forest dynamics and are good indicators of both local and landscape alterations. However, little is known about species and diversity distribution and only a few of the largest Atlantic Forest remnants have been adequately sampled. Based on a survey we carried out in the Morro Grande Forest Reserve, São Paulo State, and on other 20 Atlantic forest inve (mais) ntories, this study aims at (1) describing the non-volant small mammal list and community structure of the Reserve, (2) describing how species and diversity are distributed in space and time in the Reserve and (3) investigating how diversity is affected by capture methods. The non-volant small mammal fauna of the Reserve includes several rare and mature forest species, besides common species from genera that are usually abundant in other well preserved forests. The total number of species is high, in part due to the use of large pitfall traps in the sampling protocol, but also probably due to the Reserve location and altitude. The additive partitioning of diversity indicates that a major part of diversity is found locally in sample sites, a second part among sample sites within the same habitat type and just a minor part among habitats, suggesting the importance of micro-scale forest heterogeneity to the distribution of non-volant small mammals. Abundance and richness did not vary between the two sampled years and it is possible that continuous forest areas may present more temporally stable populations and communities. However, they varied seasonally, with high values found at the end of the wet season and low values at the end of the dry season. Pitfall traps showed to be extremely efficient for capturing non-volant small mammals.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

31

Participação comunitária em um programa de intervenção em área de proteção ambiental/ Community participation in an intervention program developed in a protected area

Setti, Andréia Faraoni Freitas; Bógus, Cláudia Maria
2010-12-01

Resumo em português Este artigo discute os conceitos de participação e empowerment em Promoção da Saúde e Desenvolvimento Sustentável, considerando as agendas de implementação local, Municípios/Cidades Saudáveis e Agenda 21, e a importância dos processos de avaliação nesse contexto, por meio da análise de uma intervenção em área de mananciais - o Programa Bairro Ecológico (PBE), desenvolvido em 51 bairros do município de São Bernardo do Campo, Estado de São Paulo, Brasil (mais) . O estudo teve por objetivo avaliar os processos de participação e empowerment da comunidade, a partir das ações desencadeadas pelo PBE. Foram aplicados questionários e realizados grupos focais com moradores de bairros que sofreram a intervenção. Também foram realizadas entrevistas individuais com gestores do programa e do poder judiciário. Os resultados indicaram que a participação na implementação do PBE favoreceu o empowerment individual e grupal, presente nas duas comunidades estudadas. As comunidades tornaram-se mais organizadas. Há indícios de que os processos de tomada de decisões são centralizados. Apesar disso, as comunidades entendem que sua participação no programa lhes traz muitas coisas boas. Houve um processo participativo no desenvolvimento do programa, ainda que alguns relatos apontem para o caráter obrigatório da participação. Deve-se destacar o impacto do envolvimento e fortalecimento das lideranças na implementação e sustentabilidade do programa. No que diz respeito a esta última, verificou-se que a sensibilização ambiental tem sido fator determinante para a execução e manutenção das ações ao longo do tempo. Resumo em inglês This article discusses the concepts of participation and empowerment in Health Promotion and Sustainable Development, considering the local implementation agendas:/ Healthy Cities and Agenda 21, and taking into account the importance of evaluation in this context. This was achieved through the analysis of an intervention in an area of water springs - Programa Bairro Ecológico (PBE - Ecological/ Neighborhood Program) -, which/ was developed in 51 neighborhoods of/ the cit (mais) y of São Bernardo do Campo, state of São Paulo, Brazil. The study aimed to evaluate the processes of community/ participation and empowerment through the actions triggered by the PBE. Questionnaires were administered to and/ focal groups were conducted with residents of neighborhoods where the intervention took place./ Individual interviews were performed with managers of the program and/ of the Judiciary. Results indicated that participation/ in the implementation of/ PBE favored the individual and group empowerment, present in both the studied communities. The communities became more organized. There is evidence that the decision-making processes are centralized. Nevertheless, the communities feel that their participation in the program brings them many good things. There was a participatory process in the development of the program, although some accounts point to mandatory participation. It is important to highlight the impact of leadership involvement and strengthening in the implementation and sustainability of the program. Regarding the latter, it was found that environmental awareness has been a determining factor for the implementation and maintenance of actions over time.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

32

Os sistemas agroflorestais como alternativa de sustentabilidade em ecossistemas de várzea no Amazonas/ The Agroforestry systems as an alternative of sustainable land use in várzea (floodplain) ecosystems in Amazon State

Castro, Albejamere Pereira de; Fraxe, Therezinha de Jesus Pinto; Santiago, Jozane Lima; Matos, Raimundo Barbosa; Pinto, Ilzon Castro
2009-01-01

Resumo em português Os sistemas agroflorestais (SAFs) representam uma alternativa agroecológica de produção, sob regime sustentável, para os agricultores familiares na várzea dos Rios Solimões/Amazonas, principalmente no que se refere ao manejo florestal, à diversidade de produtos e à geração de renda. Diante disso, o objetivo deste trabalho foi compreender as diferentes formas de apropriação e de manejo dos recursos naturais através dos SAFs, nos subsistemas roça, sítio e lag (mais) os, como componente para a sustentabilidade dos agricultores familiares da localidade Costa da Terra Nova, município do Careiro da Várzea, Amazonas. O método empregado foi o Estudo de Caso com aplicação de questionários, entrevistas e observação participante. A produção familiar na Costa da Terra Nova é representada pelos SAFs, constituído pelos os subsistemas: roça quintal e lago, que proporcionam produtos tanto para subsistência quanto para comercialização local, e estabelecendo a agricultura como fundamental atividade na localidade. O principal produto para comercialização é obtido das hortaliças cultivadas na época da vazante no subsistema roça nas comunidades São Francisco e Nossa Senhora da Conceição; e do extrativismo pesqueiro no subsistema lago, na época da cheia, principalmente na comunidade São José. A criação de animal se dá no subsistema sítio e é apenas para subsistência, sendo as aves e os suínos os principais animais domésticos criados nas três comunidades. Portanto os SAFs tradicionais, constituídos pelos subsistemas, roça, sitio e lago, são responsáveis pela sustentabilidade socioeconômica da localidade pesquisada, servindo, como alternativa agrícola melhor adaptada às condições locais das áreas de várzea na Amazônia. Resumo em inglês The Agroforest Systems (SAF's) presents an agro ecological alternative of production under sustainable basis for the families farmers, in the várzea (floodplain) of the Solimões/Amazonas Rivers, especially when it is refereed to the forest management, to the products diversity, and the incomes. This study has objective to understand the different ways of appropriation and management of natural resources through SAFs in the different subsystems as clearing, home garden, (mais) and lakes as a sustainability component of families’ farmers from Costa da Terra Nova located in the Careiro da Várzea County (Amazon). The methodology used was the case study with the questionnaires applied, interviews and participant observation. The families’ production in the Costa da Terra Nova is represented for agroforestry systems accordingly with the subsystem: farm, home garden and lakes that provide products for their subsistence as much as much for local commercialization. The local communities established the agriculture as a fundamental activity. The main product is obtained from the vegetables grown during the receding water period in the field subsystem in the communities São Francisco and Nossa Senhora da Conceição; and the extrativismo fishing boat on subsystem lake in water period, predominant in community São José. The animal raising is used only for self-subsistence, being the birds and the pigs the mainly domestic animals raising in the three communities. Thus, the traditional agroforestry systems combined with the forest subsystem, clearing, home garden, and lakes are responsible for social-economics sustainability for the studied area, and could be used as an alternative agriculture better adapted for the local conditions at the Amazonian floodplain areas.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

33

O uso dos recursos pesqueiros no estuário do rio mamanguape, estado da Paraíba, Brasil/ Use of fishing resources in the mamanguape river estuary, Paraiba state, Brazil/ Utilización de los recusos pesqueros en el estuario del río mamanguape, estado de Paraiba, Brasil

Rocha, Michelle  da Silva Pimentel; Mourão, José  da Silva; Souto, Wedson  de Medeiros Silva; Barboza, Raynner Rilke  Duarte; Alves, Rômulo  Romeu da Nóbrega
2008-12-01

Resumo em português O complexo estuário-manguezal possui um elevado capital natural, fornecendo diversos serviços ecológicos e recursos naturais para as comunidades costeiras, de uso na subsistência ou na economia local. O presente trabalho teve como objetivo inventariar os usos dos recursos pesqueiros provenientes do estuário do Rio Mamanguape localizado no Estado da Paraíba, Brasil. Para isto, foi utilizada uma proposta metodológica que envolveu a combinação de métodos qualitativ (mais) os (entrevistas e observação direta) e quantitativos (valor de uso e concordância de uso principal corrigido). Foram entrevistadas 30 pessoas, sendo registrado o uso de 68 espécies, entre peixes, crustáceos e moluscos. As espécies mais importantes foram Opisthonema oglinum, Anomalocardia brasiliana, Mugil curema, Crassostrea rhizophorae, Ucides cordatus, Centropomus sp. e Panulirus argus. As espécies são utilizadas principalmente para comercialização e consumo local, entretanto, algumas delas são utilizadas para fins medicinais (usos zooterapêuticos) e como iscas para captura de outras espécies. A biodiversidade de recursos explorados registrada neste trabalho evidencia a importância dos manguezais para as comunidades que aí se desenvolvem e os dados obtidos podem servir de base para a elaboração de projetos de manejo que visem à conservação dos recursos e da diversidade cultural. Resumo em espanhol El complejo estuario-manglar tiene un elevado capital natural, proporcionando varios servicios ecológicos y recursos naturales a las comunidades costeras, para el uso en la subsistencia o en la economía local. El presente trabajo tuvo como objetivo inventariar los usos de los recursos pesqueros provenientes del estuario del Río Mamanguape (ERM), localizado en el Estado de Paraíba, Brasil. Para ello fue utilizada una propuesta metodológica que incluyó la combinación (mais) de métodos cualitativos (entrevistas y observación directa) y cuantitativos (valor de uso y concordancia de uso principal corregido). Fueron entrevistadas 30 personas, registrándose el uso de 68 especies entre peces, crustáceos y moluscos. Las especies más importantes identificadas fueron Opisthonema oglinum, Anomalocardia brasiliana, Mugil curema, Crassostrea rhizophorae, Ucides cordatus, Centropomus sp. y Panulirus argus. Las especies son utilizadas principalmente para la comercialización y consumo local; sin embargo, algunas de ellas son utilizadas para fines medicinales (usos zooterapéuticos) y como cebo para la captura de otras especies. La biodiversidad de recursos registrada en este trabajo demuestra la importancia de los manglares para las comunidades que allí se desenvuelven y los datos obtenidos pueden servir de base para la elaboración del proyectos de manejo que persigan la conservación de los recursos e en la diversidad cultural. Resumo em inglês Estuary-mangrove complexes possess a rich natural capital and furnish diverse ecological services and natural resources to local coastal communities for both subsistence and economic ends. The present work presents an inventory of the uses of fishing resources at the Mamanguape River estuary, located in Paraíba State, Brazil. The inventory was prepared using a methodological approach that involved a combination of qualitative (interviews and direct observations) and quan (mais) titative (use-value and corrected principal-use concordance) approaches. A total of 30 people were interviewed and 68 species of fish, crustaceans and mollusks were identified as being used. The most important species were Opisthonema oglinum, Anomalocardia brasiliana, Mugil curema, Crassostrea rhizophorae, Ucides cordatus, Centropomus sp. and Panulirus argus. The species harvested are principally commercialized or consumed locally, although some are used for medicinal (zootherapeutic) purposes and as bait to capture other species. The biodiversity of the resources reported here is indicative of the importance of mangrove swamps for the local communities, and the data can be used for the design of management projects directed towards the conservation of both regional natural resources and cultural diversity.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

34

Níveis de anticorpos para arbovírus em indivíduos da região de Ribeirão Preto, SP (Brasil)/ Arbovirus antibody levels in the population of the Ribeirão Preto area, S.Paulo State (Brazil)

Figueiredo, Luiz Tadeu Moraes; Rosa, Amélia P.A. Travassos da; Fiorillo, Adhemar Mário
1986-06-01

Resumo em português Com o objetivo de conhecer os níveis de anticorpos para arbovírus, foram estudados 302 indivíduos da região de Ribeirão Preto (Brasil), moradores em 3 tipos de locais com distintas formas de organização do espaço: próximos à área de paisagem natural; com paisagem modificada para a agropecuária; comunidades urbanas. Foram efetuados testes sorológicos de inibição da hemaglutinação, neutralização e fixação do complemento para 21 arbovírus. Os resultados (mais) mostraram que 19,9% dos indivíduos investigados apresentaram anticorpos, sugerindo infecções pregressas por vários arbovírus. A maior percentagem de habitantes que se infectaram por estes agentes foi observada em locais próximos à área de paisagem natural, 38,5%. O vesiculovírus Piry foi o agente para o qual se encontrou o maior número de soros reagentes, 12,5%. A maior ocorrência de portadores de anticorpos para o vírus Piry foi observada nos indivíduos: do sexo masculino; com idade superior a 40 anos; guardas-florestais, lavradores e profissionais com atividades ligadas ao rio. Resumo em inglês The area of Ribeirão Preto is located in the north of S.Paulo State - Brazil. The population is 611,742. The climate is sub-tropical warm and humid. The area of Ribeirão Preto is almost completely deforested and covered by extensive plantations of sugar cane and coffee and pasture. With the purpose of discovering the arbovirus antibody levels, a serologic survey was carried out among people of the Ribeirão Preto area living in different geographical environments. Fifty (mais) two inhabitants located close to natural landscap, 38 in places with landscape modified by agriculture and cattle raising, and 93 in urban communities were studied. Serologic tests for hemagglutination inhibition by 20 Togaviridae and Bunyaviridae arbovirus, and neutralization and complement fixation tests on Piry Rhabdoviridae were carried out. It was discovered that 19.9% of the sample population presented antibodies against arbovirus. The Flavivirus Togaviridae antibodies were the most frequent among inhabitants from urban communities (8.5%). Anti amarilic vaccination, carried out 8 years ago, explains this fact. Piry Rhabdoviridae obtained 12.5%, the most significant population in proportion of antibodies detected. Thirty two percent of inhabitants in a place close to natural landscape, 11.5% of inhabitants in places with landscape modified by agriculture and cattle raising, and 7,5% of inhabitants in urban communities presented Piry antibodies. This virus has never before been discovered in the south of Brazil. The highest risk of infection by Piry virus was found in men, especially older than forty: agricultural workers, forestry wardens and river workers. These conclusions are typical of a virus related to a natural environment. Geographical space is changeable, and organized according to the characteristics of a civilization at a particular point in time. The geographical space approach is more advantageous than a purely ecological view on zoonoses research in populated and organized areas in the south of Brazil.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

35

Níveis de anticorpos para arbovírus em indivíduos da região de Ribeirão Preto, SP (Brasil)/ Arbovirus antibody levels in the population of the Ribeirão Preto area, S.Paulo State (Brazil)

Figueiredo, Luiz Tadeu Moraes; Rosa, Amélia P.A. Travassos da; Fiorillo, Adhemar Mário
1986-06-01

Resumo em português Com o objetivo de conhecer os níveis de anticorpos para arbovírus, foram estudados 302 indivíduos da região de Ribeirão Preto (Brasil), moradores em 3 tipos de locais com distintas formas de organização do espaço: próximos à área de paisagem natural; com paisagem modificada para a agropecuária; comunidades urbanas. Foram efetuados testes sorológicos de inibição da hemaglutinação, neutralização e fixação do complemento para 21 arbovírus. Os resultados (mais) mostraram que 19,9% dos indivíduos investigados apresentaram anticorpos, sugerindo infecções pregressas por vários arbovírus. A maior percentagem de habitantes que se infectaram por estes agentes foi observada em locais próximos à área de paisagem natural, 38,5%. O vesiculovírus Piry foi o agente para o qual se encontrou o maior número de soros reagentes, 12,5%. A maior ocorrência de portadores de anticorpos para o vírus Piry foi observada nos indivíduos: do sexo masculino; com idade superior a 40 anos; guardas-florestais, lavradores e profissionais com atividades ligadas ao rio. Resumo em inglês The area of Ribeirão Preto is located in the north of S.Paulo State - Brazil. The population is 611,742. The climate is sub-tropical warm and humid. The area of Ribeirão Preto is almost completely deforested and covered by extensive plantations of sugar cane and coffee and pasture. With the purpose of discovering the arbovirus antibody levels, a serologic survey was carried out among people of the Ribeirão Preto area living in different geographical environments. Fifty (mais) two inhabitants located close to natural landscap, 38 in places with landscape modified by agriculture and cattle raising, and 93 in urban communities were studied. Serologic tests for hemagglutination inhibition by 20 Togaviridae and Bunyaviridae arbovirus, and neutralization and complement fixation tests on Piry Rhabdoviridae were carried out. It was discovered that 19.9% of the sample population presented antibodies against arbovirus. The Flavivirus Togaviridae antibodies were the most frequent among inhabitants from urban communities (8.5%). Anti amarilic vaccination, carried out 8 years ago, explains this fact. Piry Rhabdoviridae obtained 12.5%, the most significant population in proportion of antibodies detected. Thirty two percent of inhabitants in a place close to natural landscape, 11.5% of inhabitants in places with landscape modified by agriculture and cattle raising, and 7,5% of inhabitants in urban communities presented Piry antibodies. This virus has never before been discovered in the south of Brazil. The highest risk of infection by Piry virus was found in men, especially older than forty: agricultural workers, forestry wardens and river workers. These conclusions are typical of a virus related to a natural environment. Geographical space is changeable, and organized according to the characteristics of a civilization at a particular point in time. The geographical space approach is more advantageous than a purely ecological view on zoonoses research in populated and organized areas in the south of Brazil.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

36

Nematoides: bioindicadores de sustentabilidade e mudanças edafoclimáticas/ Nematodes: bioindicator of sustainability and edaphoclimatic changes

Ritzinger, Cecília Helena Silvino Prata; Fancelli, Marilene; Ritzinger, Rogério
2010-12-01

Resumo em português Em vista do desconhecimento da importância econômica dos fitonematoides, isoladamente, em cada cultura, esses organismos têm sido frequentemente negligenciados nos agroecossistemas, somente assumindo status de patógeno quando sua população se encontra muito elevada, com prejuízos acentuados. Contudo, somente 10% do universo de nematoides causam danos às plantas, 25% são nematoides agrupados nos níveis tróficos de fungívoros ou micófagos, bacterívoros e onív (mais) oros, de acordo com o tipo de sua alimentação. Não se conhece a relação do nível populacional do nematoide com o nível de dano nas plantas. Por esse motivo, os defensivos químicos são, em sua maioria, a opção mais usada ou a preferida pelos agricultores, para o manejo, podendo promover o desequilíbrio na comunidade, refletindo em risco ambiental. Para a avaliação de risco, proveniente de substâncias químicas, impactos sobre diferentes tipos de manejo dos solos, bem como distúrbios que eles sofrem, vários testes de toxicidade com nematoides têm sido realizados e há crescente demanda em sua utilização em países mais desenvolvidos. A análise da comunidade presente em determinado ecossistema, de acordo com os hábitos alimentares e o índice de maturidade, provou ser bom indicador a danos causados por poluentes ou distúrbios ecológicos. Nessa revisão, são apresentados dados que demonstram que esses organismos podem ser utilizados de forma satisfatória em estudos de sustentabilidade de ecossistemas, devido à sua abundância, diversidade e respostas à toxicidade e distúrbios ambientais. Resumo em inglês Due to their economic importance being unknown in most crops, apart from other pests, plant-parasitic nematodes have been frequently neglected in the agroecosystems, assuming 'status' only when their population is very high, causing accentuated damages which leads to significant yield losses. Nevertheless, only 10% of the nematode universe is parasites causing damages to plants; 25% are free-living forms including bacterivorous, fungivorous, omnivorous or predators accord (mais) ing to their feeding habits. The relationship between the nematode population level and the damage level for each crop is unknown. Therefore, pesticides are considered the best control option for farmers, but the indiscriminate use could lead to the instability of soil communities resulting in environmental risk. For the risk evaluation, originated from chemical substances, impacts on different types of soil management, as well as disturbances suffered by the soil, several toxicity tests with nematodes have been carried out and there is an increased demand in their use in highly developed countries. The analysis of the soil nematode communities in some ecosystems, according to their feeding habits and maturity index proved to be a good indicator to the damages caused by pollutants or ecological disturbances. In this review, data that demonstrate that these organisms can be used in a satisfactory way in studies of sustainability of ecosystems, due to their abundance, diversity and responses to the toxicity and environmental disturbances, are presented.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

37

Modeling lichen communities : ecological key factors in a changing environment

Lopes, Pedro António Pinho, 1976-

O fenómeno das alterações globais influencia o funcionamento de muitos dos sistemas planetários. Embora os factores ambientais associados a esse fenómeno funcionem numa escala global, os seus efeitos nos ecossistemas têm de ser estudados localmente. Este estudo é complexo não só pela necessidade de ...

DRIVER (Portuguese)

38

Fenologia de espécies do dossel e do sub-bosque de duas Florestas de Restinga na Ilha do Mel, sul do Brasil/ Phenology of canopy and understory species of two Coastal Plain Forests in Southern Brazil

Marques, Márcia C.M.; Oliveira, Paulo Eugênio A.M.
2004-10-01

Resumo em português Devido à ampla distribuição geográfica, a Floresta Atlântica e os ecossistemas associados estão sujeitos a condicionantes ambientais que variam de acordo com a latitude e que devem influenciar nos processos dinâmicos das comunidades. Para avaliar se a fenologia de florestas da região atlântica pode ser determinada por tais variações, plantas do dossel e do subbosque (total 55 espécies) de duas Florestas de Restinga (Floresta não inundável e Floresta inundáv (mais) el) foram acompanhadas por dois anos na Ilha do Mel, localizada em região meridional da distribuição da Floresta Atlântica e com pouca diferença climática entre o período superúmido (setembro a maio) e úmido (junho a agosto). Apesar das diferenças florísticas e estruturais, as duas florestas apresentaram padrões semelhantes, com pico de queda de folhas (outubro a dezembro), brotação (dezembro a janeiro), floração (dezembro a janeiro) e frutificação (março a abril) ocorrendo sucessivamente ao longo da estação superúmida, o que esteve correlacionado principalmente com as variações do comprimento do dia e da temperatura. Dossel e sub-bosque apresentaram padrões fenológicos distintos, sendo que no primeiro houve maior sincronia interespecífica. Os resultados mostraram que mesmo localizadas na situação marginal de distribuição do clima tropical, as Florestas de Restinga da Ilha do Mel apresentam semelhanças fenológicas com outros ecossistemas da região atlântica, o que deve refletir a similaridade florística entre estas áreas. Resumo em inglês The Atlantic Rain Forest is widely distributed in Brazilian coast, and due to environmental differences among sites, ecological processes in plant communities may be different. To test for local and regional effects on plant phenology, we studied during two years the phenology of 55 canopy and understory plant species in two Coastal Plain Forests (Flooded and Unflooded) in Ilha do Mel island one of the most Southern Atlantic Forest area. The study site is one of more sout (mais) hern Atlantic Forest and regional rainfall in the wetter season (September to May) is similar to that of the less wet season (June to August). Flooded and Unflooded Forests showed very similar phenological patterns in which leaf fall (October to December), flushing (December to January), flowering (December to January), and fruiting (March to April) occurred during the wetter season. Almost all phases were correlated with daylength and temperature. Canopy and understory species did not share phenological patterns, and canopy species had a synchronous pattern. The phenology of Coastal Plain Forests of Ilha do Mel is very similar to other ecosystems of Atlantic Rain Forest in Brazil, reflecting floristic links among these areas.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

39

Etnoecologia e etnobotânica da palmeira juçara (Euterpe edulis Martius) em comunidades quilombolas do Vale do Ribeira, São Paulo/ Ethnoecology and ethnobotany of the juçara palm (Euterpe edulis Martius) in "quilombola" communities of the Ribeira River Valley, São Paulo

Barroso, Renata Moreira; Reis, Ademir; Hanazaki, Natalia
2010-06-01

Resumo em português As comunidades quilombolas são consideradas comunidades negras rurais formadas por descendentes de africanos escravizados. No Vale do Ribeira, uma das regiões mais pobres do estado de São Paulo, estas comunidades vivem da agricultura de subsistência e principalmente da coleta do palmito juçara para complemento da renda familiar. A palmeira juçara possui importante papel ecológico e econômico para a Floresta Atlântica e para as comunidades rurais locais. O objetiv (mais) o geral deste trabalho foi investigar aspectos etnoecológicos e etnobotânicos da palmeira juçara (Euterpe edulis Martius) em comunidades quilombolas do Vale do Ribeira, SP. A investigação se deu em sete comunidades quilombolas através da aplicação de 25 entrevistas semi-estruturadas e da realização de uma oficina de identificação dos animais consumidores de frutos da palmeira. Também foram realizadas coletas e identificação de visitantes florais. Os quilombolas entrevistados demonstraram um detalhado conhecimento ecológico local sobre a palmeira juçara, principalmente a relação da biodiversidade animal associada à espécie. Neste trabalho a etnoecologia e a etnobotânica mostram-se ferramentas importantes no levantamento participativo do conhecimento ecológico local do E. edulis que pode ser considerado no manejo e na conservação da espécie na Floresta Atlântica. Resumo em inglês "Quilombola" communities are distributed all over Brazil. They are composed of the descendents of African slaves. In the Ribeira River Valley, one of the poorest regions in São Paulo state, they practice subsistence agriculture and extract plant resources from the environment, especially the juçara palm (Euterpe edulis Martius), a species that contributes to "quilombola" income. The juçara palm has special ecological and economic importance for "quilombolas". The main (mais) aim of this study was to investigate ethnobotanical and ethnoecological aspects of the juçara palm in "quilombola" communities of the Ribeira River Valley, São Paulo. The investigation conducted 25 semi-structured interviews with key-informants for seven "quilombola" communities and a workshop to identify palm-fruit animal consumers. Flower visitors were also collected and identified. The "quilombolas" interviewed showed detailed local ecological knowledge of the juçara palm, mainly animal biodiversity in relation to the species. Ethnoecology and ethnobotany were efficient tools for the participative survey of juçara palm local knowledge. Local ecological knowledge of E. edulis can be considered for Atlantic forest management and conservation.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

40

Estudo da Regeneração Natural das Espécies Arbóreas Autóctones na Reserva Natural da Serra da Malcata/ Study of the Natural Regeneration of the Native Arboreal Vegetation at Serra da Malcata Nature Reserve/ Étude de la Régénération Naturelle des Végétations d'Arbres Autochtones dans la Réserve Naturelle de Serra da Malcata

Meireles, Catarina; Gonçalves, Paula; Rego, Francisco; Silveira, Sofia
2005-12-01

Resumo em português As diversas actividades humanas praticadas ao longo dos séculos na Reserva Natural da Serra da Malcata levaram à destruição de grande parte da vegetação arbórea autóctone da zona: bosques de Quercus suber (sobreiro) e de Quercus pyrenaica (carvalho-negral ou carvalho-pardo-das-beiras) característicos, respectivamente, da bacia do Rio Bazágueda, a Sul e das bacias da Ribeira da Meimoa e Rio Côa, no Centro e Norte. Esta vegetação climácica foi substituída por (mais) grandes extensões de formações arbustivas e, nas áreas menos acessíveis da região centro-sul, por comunidades de Arbutus unedo (medronheiro), assim como por bosques secundários de Quercus rotundifolia (azinheira) na zona de domínio do sobreiro. A recuperação da vegetação potencial é uma das prioridades da Área Protegida, pelo que se decidiu avaliar a capacidade de restauração das comunidades climatófilas a partir da regeneração natural das quatro espécies supra mencionadas nos principais tipos de vegetação arbustiva e arbórea não intervencionados em anos recentes (tipo de intervenção designado por "Dinâmica Natural") e os geridos com "Fogo" e "Corte". Determinou-se, igualmente, a influência de diversos factores ecológicos e caracterizadores das comunidades na instalação da regeneração natural. Os resultados obtidos apontam para a necessidade de recorrer à plantação de Quercus suber, Quercus rotundifolia e Arbutus unedo na sua área de distribuição, enquanto os bosques de Quercus pyrenaica do centro e Norte poderão ser mantidos através da adequada gestão da regeneração vegetativa encontrada no sobcoberto. Resumo em inglês Human activities practised over the centuries at Serra da Malcata Nature Reserve have lead to considerable deterioration of the native arboreal vegetation characteristic of the region: Quercus suber (cork oak) and Quercus pyrenaica (Pyrenean oak) woodlands, and are found in the Bazágueda River basin in the South and the Meimoa Stream and Côa River basins in the centre and the North, respectively. This climax vegetation has been substituted by large patches of shrubland, (mais) and in the quasi-inaccessible areas by Arbutus unedo (strawberry tree) copses. The latter represents the first retrogressive seral stage of the above mentioned forests as well as in the secondary Quercus rotundifolia (round-leafed oak) woods in the cork oak's geographic range. The restoration of native vegetation is one of the priorities of the Protected Area and is the reason why the restorative capacity of the climax communities was assessed from the natural regeneration of the four above-mentioned species in the main shrub and arboreal communities. The assessment was carried out on areas not managed in recent years (management regime known as "Natural Dynamics") as well as on those subjected to "Fire" and "Cutting". The effect of various ecological factors and community attributes on the implementation of natural regeneration was also studied. The results emphasise the need to plant Quercus suber, Quercus rotundifolia and Arbutus unedo within their natural range, while the Quercus pyrenaica woodlands of the centre and North can be maintained through an adequate management of the vegetative regeneration found in the understory.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

41

Enteroparasitos em índios Yanomâmi/ Intestinal parasites among Yanomâmi indians

Confalonieri, U. E.; Araújo, A. J.; Ferreira, L. F.
1989-01-01

Resumo em inglês The findings of intestinal helminths and protozoans parasites from the Yanomâmi indians of the Roraima State in Brazil are reported. The fecal samples were collected before these communities started a permanent contact with non-indians. Comments are made on the possible ecological and evolutionary factors responsible for the patterns of parasitism observed.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

42

Ecologia humana e antropometria nutricional de adultos Xavánte, Mato Grosso, Brasil/ Human ecology and nutritional anthropometry of adult Xavánte Indians in Mato Grosso, Brazil

Gugelmin, Sílvia A.; Santos, Ricardo Ventura
2001-03-01

Resumo em português Este estudo visa analisar comparativamente o perfil ecológico-humano e o antropométrico de duas comunidades indígenas Xavánte - Etéñitépa (ou Pimentel Barbosa) e São José - de Mato Grosso, Brasil. Os dados foram coletados respectivamente em 1994 e 1998/1999. A pesquisa envolveu caracterização dos padrões de alocação de tempo e de antropometria de adultos acima de 20 anos de idade. Os Xavánte de Etéñitépa despendem mais tempo em atividades ligadas à hort (mais) icultura, pesca, caça e coleta; os de São José exercem mais funções remuneradas e extra-aldeia, em que há, em geral, menor atividade física. Os valores médios de estatura das duas comunidades são próximos, mas há diferenças marcantes quanto à massa corporal e ao IMC (Índice de Massa Corporal). O grupo de São José exibiu valores de IMC superiores aos de Etéñitépa em quase todas as faixas etárias. Em São José há prevalência de obesidade em homens (24,6%) e mulheres (41,3%); em Etéñitépa, os valores foram respectivamente de 2,5% e 4,8%. Sugere-se que o perfil nutricional diferenciado resulta, em muito, de diferentes trajetórias de interação social, política e econômica com a sociedade nacional envolvente. Resumo em inglês This study compares anthropometric and ecological profiles of two Xavánte indigenous communities in Mato Grosso, Central Brazil. The research describes time allocation patterns and involves an anthropometric survey (including body mass, stature, and BMI) in adults over 20 years of age. Data from Etéñitépa (also known as Pimentel Barbosa) were collected in 1994. Field work at São José was conducted in 1998 and 1999. Compared with the São José group, Xavánte in Et� (mais) �ñitépa do more subsistence activities like farming, fishing, hunting, and gathering. The São José Xavánte do more paid work and generally engage in less physical activity. Average stature in the two communities is similar, but there are major differences in mean body mass and BMI. The São José group has average BMI values well over those of the Etéñitépa group in practically all age brackets. Obesity prevalence rates were high in both men (24.6%) and women (41.3%) in São José, while in Etéñitépa the rates were only 2.5% and 4.8%, respectively. The authors conclude that the different nutritional profiles in the two communities result from specific patterns of social, political, and economic interactions with Brazilian society.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

43

Ecologia humana e antropometria nutricional de adultos Xavánte, Mato Grosso, Brasil/ Human ecology and nutritional anthropometry of adult Xavánte Indians in Mato Grosso, Brazil

Gugelmin, Sílvia A.; Santos, Ricardo Ventura
2001-03-01

Resumo em português Este estudo visa analisar comparativamente o perfil ecológico-humano e o antropométrico de duas comunidades indígenas Xavánte - Etéñitépa (ou Pimentel Barbosa) e São José - de Mato Grosso, Brasil. Os dados foram coletados respectivamente em 1994 e 1998/1999. A pesquisa envolveu caracterização dos padrões de alocação de tempo e de antropometria de adultos acima de 20 anos de idade. Os Xavánte de Etéñitépa despendem mais tempo em atividades ligadas à hort (mais) icultura, pesca, caça e coleta; os de São José exercem mais funções remuneradas e extra-aldeia, em que há, em geral, menor atividade física. Os valores médios de estatura das duas comunidades são próximos, mas há diferenças marcantes quanto à massa corporal e ao IMC (Índice de Massa Corporal). O grupo de São José exibiu valores de IMC superiores aos de Etéñitépa em quase todas as faixas etárias. Em São José há prevalência de obesidade em homens (24,6%) e mulheres (41,3%); em Etéñitépa, os valores foram respectivamente de 2,5% e 4,8%. Sugere-se que o perfil nutricional diferenciado resulta, em muito, de diferentes trajetórias de interação social, política e econômica com a sociedade nacional envolvente. Resumo em inglês This study compares anthropometric and ecological profiles of two Xavánte indigenous communities in Mato Grosso, Central Brazil. The research describes time allocation patterns and involves an anthropometric survey (including body mass, stature, and BMI) in adults over 20 years of age. Data from Etéñitépa (also known as Pimentel Barbosa) were collected in 1994. Field work at São José was conducted in 1998 and 1999. Compared with the São José group, Xavánte in Et� (mais) �ñitépa do more subsistence activities like farming, fishing, hunting, and gathering. The São José Xavánte do more paid work and generally engage in less physical activity. Average stature in the two communities is similar, but there are major differences in mean body mass and BMI. The São José group has average BMI values well over those of the Etéñitépa group in practically all age brackets. Obesity prevalence rates were high in both men (24.6%) and women (41.3%) in São José, while in Etéñitépa the rates were only 2.5% and 4.8%, respectively. The authors conclude that the different nutritional profiles in the two communities result from specific patterns of social, political, and economic interactions with Brazilian society.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

44

Ecologia de populações de morcegos cavernícolas em uma região cárstica do sudeste do Brasil

Trajano, Eleonora
1984-01-01

Resumo em inglês The upper valley of the Rio Ribeira, a carbonatic rock region in the south of the state of São Paulo, Brazil, has a great number of caves; the bat community of the area is the subject of the present study. Between October 1978 and October 1980 specimens of five families and 23 species were captured. The species showed an irregular distribution among 32 of 39 caves visited. The community is very diversified, consisting of a specially abundant species (Desmodus rotundus), (mais) some very common species (Carollia perspicillata, Artibeus lituratus and Anoura caudifer), and several common and rare species. It differs from other neotropical communities studied in the relatively high frequence of A. caudifer, which probably takes over the ecological role of Glossophaga soricina, and in the great diversity of medium to large sized Phyllostominae. The great diversity and the high relative abundance of some species is probably related to the availability of food afforded by farms and domestic stock Ñ important for the herbivorous and hematophagous species Ñ and to the high number of caves Ñ important mainly for the Phyllostominae and probably for D. rotundus. It is suggested that the structure of a roost's community is primarily determined by the location: the more isolated a cave, the greater and more diversified tends to be its community, regardless of the caveis morphometric characteristies («opportunistic occupation»). Only in densely grouped caves factors such as size would tend to be of some importance. Due to the great number of roosts and the lotv sociability of the bats, the Upper Ribeira populations tend to be distributed all over the available caves, that have small populations (with exception of some relatively isolated ones) varying in density through the year. The occurrence of certain species in individual caves seems to be affected by presence of others in the same roost: A. lituratus, Diphylla ecaudata and Chrotopterus auritus tend to occupy the same caves as D. rotundus, whereas Puripterus horrens and A. caudifer avoid them. Common species showed a «sunset-related» timing of flight activity. The emergence of the majority of the populations begins at dusk, but the activity peak at cave entrance varies in timing and duration. The strictly insectivorous species (Peropterix macrotis, Myotis nigricans and P. horrens and also A. caudifer leave the roost earlier, showing an emergence peak during the crepuscle; for the others, the peak occurs after darkening. A few species, such as D. rotundus and Lonchorhina aurita, emerge only after total darkness. The use of temporary, nocturnal roosts seems to be frequent in the Upper Ribeira, occurring during or after foraging activities; individuals of A. lituratus can use caves as ingesting places. C. perspicillata finishes its feeding activities earlier than the other common species, which indicates a high foraging efficiency. With few exceptions, bats of the Upper Ribeira do not carry their young during foraging. The supply of food for the hematophagous species is represented by small and medium sized domestic animals (poultry and pigs); wild animals may also be significant as prey.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

45

Diversidades filogenética e funcional: novas abordagens para a Ecologia de comunidades/ Phylogenetic and functional diversities: new approaches to community Ecology

Cianciaruso, Marcus Vinicius; Silva, Igor Aurélio; Batalha, Marco Antônio
2009-09-01

Resumo em português Embora a diversidade pareça ser o conceito ecológico mais intuitivo, nenhuma definição consensual foi formulada. As medidas tradicionais de diversidade, que levam em conta apenas o número de espécies e suas contribuições relativas, têm se mostrado estimativas pouco preditivas da estrutura e do funcionamento das comunidades. Medidas de diversidade que incorporem informações sobre as relações filogenéticas das espécies ou suas características funcionais pode (mais) m ser melhores do que as medidas tradicionais para muitas finalidades. Apresentamos uma pequena revisão das propriedades e aplicações de algumas medidas de diversidade. Enfatizamos aqui duas abordagens recentes e promissoras, as diversidades filogenética e funcional, que têm se mostrado mais sensíveis para detectar respostas das comunidades às mudanças ambientais. Na diversidade filogenética, as relações de parentesco entre as espécies são levadas em conta, enquanto que na diversidade funcional traços que devem ter relações com o funcionamento das comunidades são considerados. Discutimos ainda os desafios e as perspectivas para o uso dessas duas abordagens na ecologia. Resumo em inglês Although diversity seems to be the most intuitive ecological concept, no consensual definition has been stated. Traditional diversity measures, which take into account only the number of species and their relative contribution, have little predictive power about the functioning of communities. Diversity measures that include information on phylogenetic relationships among species or their functional traits should be better than the traditional measures. We present a short (mais) review of the properties and applications of some diversity measures, emphasizing two recent and promising approaches, the phylogenetic and functional diversities, which have been shown to be more sensitive to detect responses of communities to environmental changes. In phylogenetic diversity, species relatedness is taken into account, whereas in functional diversity traits related with community functioning are considered. We also discuss challenges and perspectives for the use of these two approaches in ecology.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

46

Diversidade de ácaros (Arachnida: Acari) em Hymenaea martiana (Leguminosae) em gradiente de tamanho de plantas/ Diversity of mites (Arachnida: Acari) on Hymenaea martiana (Leguminosae) in gradient of plant size

Feres, Reinaldo José Fazzio; Russo, Vimael; Daud, Rodrigo Damasco
2010-12-01

Resumo em português Foram estudadas as comunidades de ácaros em indivíduos de Hymenaea martiana Hayne (Leguminosae) com diferentes tamanhos, localizados em fragmento de Mata Estacional Semidecidual com transição para o Cerrado. As plantas analisadas foram selecionadas com base no gradiente de altura e perímetro do tronco a 10 cm acima do solo. Foram realizadas coletas quinzenais no período de março de 2007 a março de 2008. Em cada amostragem foram retiradas três folhas dos ramos ext (mais) ernos e três dos ramos internos, ao redor da região mediana da copa de cada planta selecionada. Para comparar os padrões ecológicos das comunidades de ácaros entre as plantas, foram aplicados índices descritores da diversidade. Em H. martiana, foram registrados 109.445 ácaros pertencentes a 28 espécies de 14 famílias. Nove espécies de ácaros, dentre as 19 classificadas como frequentes e acessórias, tiveram sua densidade populacional influenciada pelo tamanho da planta. Enquanto a densidade populacional de Chiapacheylus edentatus De Leon, 1962, Euseius cf. errabundus, Pronematus sp., Brevipalpus phoenicis (Geijskes, 1939) e Tarsonemus sp., apresentou correlação positiva com a altura da planta, a de Aberoptus aff. cerostructor, Euseius sibelius (De Leon, 1962), Typhlodromalus aripo De Leon, 1967 e Phytoseius nahuatlensis De Leon, 1959, apresentou correlação negativa. Não houve influência da altura da planta sobre a riqueza de espécies e densidade total de ácaros entre ramos internos e externos das plantas com diferentes alturas. As variações fisiológicas entre os indivíduos de diferentes estágios ontogenéticos de H. martiana, juntamente com fatores abióticos, podem ter influenciado a ocorrência e a distribuição dessas espécies de ácaros sobre essa planta. Resumo em inglês The mite communities on plants with different sizes of Hymenaea martiana Hayne (Leguminosae) were studied in a remnant of Mata Estacional Semidecidual in transition to Cerrado forest. The plants were selected according to the height and perimeter of trunk at 10 cm from the soil. Biweekly samples from March 2007 to March 2008 were performed, with three leaves collected from the outer and three from the inner branches at level of median canopy region for each plant selected (mais) . Diversity indexes were applied in order to verify the ecological patterns of mite community among the plants. We recorded 109,445 mites belonging to 28 species and 14 families on H. martiana. The population density of nine species of mites, among 19 classified as frequent and accessory, varied according to the plant size. While the population densities of Chiapacheylus edentatus De Leon, 1962, Euseius cf. errabundus, Pronematus sp., Brevipalpus phoenicis (Geijskes, 1939) and Tarsonemus sp. had positive correlation with the plant size, the densities of Aberoptus aff. cerostructor, Euseius sibelius (De Leon, 1962), Typhlodromalus aripo De Leon, 1967 and Phytoseius nahuatlensis De Leon, 1959 had negative correlation. There was no influence of the plant height on the species richness and total density of mites between leaves from the inner and outer branches sampled in plants with different sizes. The physiological variations between individuals of H. martiana in different ontogenetic stages, in addition to abiotics traits, might have influenced the occurrence and distribution of mites on this plant.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

47

Dinâmica da comunidade de macrófitas aquáticas no reservatório de Santana, RJ/ Dynamics of the aquatic macrophytecommunity in the Santana reservoir in Pirai-RJ

Pitelli, R.L.C.M.; Toffaneli, C.M.; Vieira, E.A.; Pitelli, R.A.; Velini, E.D.
2008-01-01

Resumo em português Apesar da importância na dinâmica dos ecossistemas aquáticos, as macrófitas podem formar densas e extensas colonizações em corpos hídricos cujos equilíbrios ecológicos foram rompidos. Nessas condições, essas plantas promovem uma série de problemas que as tornam alvos de controle. Para elaboração de planos adequados de manejo dessa vegetação, é fundamental o conhecimento das dinâmicas relativas das populações que a compõem. O objetivo deste trabalho fo (mais) i realizar levantamentos mensais da composição específica da comunidade de macrófitas que coloniza o reservatório de Santana, localizado no município de Piraí/RJ, monitorando 97 pontos georreferenciados, abrangendo toda a lâmina d'água. Foram identificadas 41 espécies, inseridas em 21 famílias botânicas. As famílias Poaceae, Pontederiaceae e Cyperacae foram as que apresentaram os maiores números de espécies ao longo do ano. Salvinia herzogii e Egeria densa apresentaram as maiores notas anuais de colonização do reservatório. As populações de Eichhornia azurea, Brachiaria arrecta e Paspalum repens completaram o grupo das espécies numericamente mais relevantes. As plantas de hábito flutuante tenderam a apresentar populações com padrão de distribuição geográfica casualizado, enquanto as espécies fixadas no sedimento e as submersas apresentaram populações com padrão agregado. Não houve expressivas variações mensais dos valores dos índices de diversidade (H') e de equitabilidade (E') das comunidades de macrófitas aquáticas ao longo do ano. O dendrograma construído com o coeficiente de Odum mostrou uma seqüência lógica dos meses, evidenciando uma definida sucessão de populações divididas em dois grupos de similaridade separados pelo mês de junho. Nessa época, o nível de água do reservatório foi reduzido e o sedimento ficou exposto, favorecendo as espécies de hábito emergente. Resumo em inglês Despite the importance of aquatic ecosystem dynamics, aquatic macrophytes can form dense and extensive populations in water bodies whose ecological balance was disrupted. Under these conditions, these plants promote an array of problems that make them a target for control practices. To elaborate management plans for this vegetation, knowledge on the population dynamics of the species forming these communities is necessary. Thereby, monthly surveys were carried out to eval (mais) uate the species composition of this community colonizing the Santana eservoir (Piraí, RJ), by monitoring 97 geo-referenced points covering most of the water surface. Forty-one species were identified as belonging to 21 different botanical families. The families Poaceae, Pontederiacea and Cyperaceae presented the largest number of species over the year. Salvinia herzogii and Egeria densa presented the highest colonization rates. The populations of Eichhornia azurea, Brachiaria arrecta and Paspalum repens completed the group of species numerically most relevant. The floating plants tended to present populations with randomized distribution patterns, while species that were fixed to the sediment presented populations with aggregated patterns. There were no expressive variations in diversity (H') and equitability (E') indexes of the macrophyte community over the year. The dendrogram, built with the Odum similarity coefficient, showed a logic sequence of the months, highlighting a well-defined succession of the populations divided into two similarity groups separated by the month of June. During this month, the reservoir water level was low and the sediment was exposed, creating an ideal condition for the emerging habitat species.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

48

Desigualdade de renda e situação de saúde: o caso do Rio de Janeiro/ Income inequality and health: the case of Rio de Janeiro

Szwarcwald, Célia Landmann; Bastos, Francisco Inácio; Esteves, Maria Angela Pires; Andrade, Carla Lourenço Tavares de; Paez, Marina Silva; Medici, Erika Vianna; Derrico, Mônica
1999-01-01

Resumo em português Este estudo ecológico testa a associação entre desigualdade de renda e condições de saúde no Município do Rio de Janeiro. Utilizaram-se técnicas de geoprocessamento e de regressão múltipla, além do coeficiente de mortalidade infantil, da taxa de mortalidade padronizada por idade, da esperança de vida ao nascer e da taxa de homicídios. Os padrões de desigualdade de renda foram avaliados por meio do índice de Gini, do índice de Robin Hood e da razão da rend (mais) a média entre os 10% mais ricos e os 40% mais pobres. Os resultados evidenciam correlações significativas dos indicadores de desigualdade de renda com todos os indicadores de saúde, demonstrando que as piores condições de saúde não podem ser dissociadas das disparidades de renda. Para os homicídios, a concentração de indivíduos residentes em favelas se mostrou relevante, sugerindo uma piora adicional das condições de saúde através da deterioração das interações comunitárias e do aumento da criminalidade. A análise geoepidemiológica aponta para o vínculo entre as piores condições de saúde e a concentração residencial de pobreza. Conclui-se que há necessidade urgente de se implementarem políticas compensatórias para amenizar os efeitos danosos da desigualdade social. Resumo em inglês This ecological analysis addresses the association between income inequality and health status in the municipality of Rio de Janeiro. Data were analyzed using geo-processing and multiple regression techniques. The following health indicators were used: infant mortality rate; standardized mortality rate; life expectancy at birth; and homicide rate among 15-29-year-old males. Patterns of income inequality were assessed through income distribution indicators: Gini index, Rob (mais) in Hood index, and top 10%/bottom 40% average income ratio. The results indicate significant correlations between income distribution indicators and health indicators, providing additional empirical evidence of the association between health status and income inequality. For the homicide rate, the effect of the indicator "density of slum residents" was also relevant, suggesting that further deterioration in health standards may be due to social disruption of deprived communities and the resultant increase in criminal activity. The geo-epidemiological analysis presented here highlights the association between adverse health outcomes and residential concentration of poverty. Social policies focused on slum residents are needed to reduce the harmful effects of relative deprivation.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

49

Desigualdade de renda e situação de saúde: o caso do Rio de Janeiro/ Income inequality and health: the case of Rio de Janeiro

Szwarcwald, Célia Landmann; Bastos, Francisco Inácio; Esteves, Maria Angela Pires; Andrade, Carla Lourenço Tavares de; Paez, Marina Silva; Medici, Erika Vianna; Derrico, Mônica
1999-01-01

Resumo em português Este estudo ecológico testa a associação entre desigualdade de renda e condições de saúde no Município do Rio de Janeiro. Utilizaram-se técnicas de geoprocessamento e de regressão múltipla, além do coeficiente de mortalidade infantil, da taxa de mortalidade padronizada por idade, da esperança de vida ao nascer e da taxa de homicídios. Os padrões de desigualdade de renda foram avaliados por meio do índice de Gini, do índice de Robin Hood e da razão da rend (mais) a média entre os 10% mais ricos e os 40% mais pobres. Os resultados evidenciam correlações significativas dos indicadores de desigualdade de renda com todos os indicadores de saúde, demonstrando que as piores condições de saúde não podem ser dissociadas das disparidades de renda. Para os homicídios, a concentração de indivíduos residentes em favelas se mostrou relevante, sugerindo uma piora adicional das condições de saúde através da deterioração das interações comunitárias e do aumento da criminalidade. A análise geoepidemiológica aponta para o vínculo entre as piores condições de saúde e a concentração residencial de pobreza. Conclui-se que há necessidade urgente de se implementarem políticas compensatórias para amenizar os efeitos danosos da desigualdade social. Resumo em inglês This ecological analysis addresses the association between income inequality and health status in the municipality of Rio de Janeiro. Data were analyzed using geo-processing and multiple regression techniques. The following health indicators were used: infant mortality rate; standardized mortality rate; life expectancy at birth; and homicide rate among 15-29-year-old males. Patterns of income inequality were assessed through income distribution indicators: Gini index, Rob (mais) in Hood index, and top 10%/bottom 40% average income ratio. The results indicate significant correlations between income distribution indicators and health indicators, providing additional empirical evidence of the association between health status and income inequality. For the homicide rate, the effect of the indicator "density of slum residents" was also relevant, suggesting that further deterioration in health standards may be due to social disruption of deprived communities and the resultant increase in criminal activity. The geo-epidemiological analysis presented here highlights the association between adverse health outcomes and residential concentration of poverty. Social policies focused on slum residents are needed to reduce the harmful effects of relative deprivation.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

50

Desempenho operacional e ambiental de unidades de reciclagem e disposição final de resíduos sólidos domésticos financiadas pelo ICMS Ecológico de Minas Gerais/ Operational and environmental performance of sanitary landfills and recycling facilities supported by the Ecological ICMS in Minas Gerais State, Brazil

Prado Filho, José Francisco do; Sobreira, Frederico Garcia
2007-03-01

Resumo em português Este estudo avalia sistemas de reciclagem e de disposição de resíduos sólidos domésticos que possuem incentivos fiscais definidos pela Lei Estadual nº 13.803/2000 de Minas Gerais. A pesquisa foi desenvolvida por análise de documentação de licenciamento ambiental de aterros sanitários e usinas de reciclagem e compostagem de resíduos financiados pela referida Lei e por visitas às unidades sanitárias, sendo usados os instrumentos metodológicos da agência ambie (mais) ntal do Estado de São Paulo (CETESB) que avaliam as condições de instalação e operação desses tipos de empreendimentos. Do estudo, constatou-se que o incentivo de Minas Gerais, definido pela Lei do ICMS Ecológico, traz importantes benefícios ambientais aos municípios, embora ainda seja reduzido o número dos contemplados por esse fomento à gestão dos resíduos sólidos urbanos. Conclui-se, também, que algumas das unidades estudadas apresentam problemas de natureza ambiental e operacional. Resumo em inglês This paper reports a qualitative assessment made at the sanitary landfill, recycling centers and composting units sponsored by the State Law No 13.803/2000, Minas Gerais, Brazil. The analyses of all the documentation used for the environmental licensing process as well as field trips to sanitary landfills and domestic recycle/composting unities were performed. The IQC and IQR indexes from the São Paulo State Environmental Agency (CETESB) were used as quality assessment t (mais) ools. It is concluded that this State Law (Ecological ICMS Law) has been promoting substantial environmental benefits to the local communities, despite it is still small the number of cities which have been attended by this regulation for solid waste management. On the other hand, it can be noticed that some operational and environmental issues remain to be addressed in the visited facilities.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

51

Comparação da vegetação arbórea de cerradão e de cerrado na Reserva do Panga, Uberlândia, Minas Gerais/ Comparison of the arboreal vegetation of cerradão and cerrado in the Panga Reserve, Uberlândia, Minas Gerais, Brazil

Costa, Alexandre Augusto; Araújo, Glein Monteiro de
2001-04-01

Resumo em português O estudo foi desenvolvido na Reserva Particular do Patrimônio Natural do Panga, localizada no Município de Uberlândia, Estado de Minas Gerais. Realizou-se, pelo método de parcelas, o levantamento florístico e a análise dos parâmetros fitossociológicos das espécies arbóreas com circunferência do tronco > ou = 15cm, numa faixa de 840m x 20m (1,68ha), abrangendo comunidades vegetais contíguas de cerradão e cerrado (sentido restrito). Foram coletadas amostras c (mais) ompostas de solo, numa profundidade de 0 a 10cm, em 12 diferentes parcelas, para determinar a sua composição química. Na amostragem total foram encontrados 3.137 indivíduos distribuídos em 107 espécies e 43 famílias. Nas 25 parcelas de cerradão (1,0ha) ocorreram 93 espécies, das quais Qualea grandiflora e Vochysia tucanorum apresentaram os maiores índices de valor de importância (IVI). Em 0,68ha de cerrado, ocorreram 76 espécies e 37 famílias, sendo que as espécies de maior IVI foram Qualea grandiflora e Q. parviflora. Fabaceae, Vochysiaceae e Myrtaceae apresentaram o maior número de espécies, nas duas comunidades vegetais. Resumo em inglês The survey was carried out in the Panga Ecological Reserve, Uberlândia, Minas Gerais. A plot survey was used to analyze the floristic and phytosociology of arboreal species; with equal or more than 15cm of trunk girth, in a transect of 840m x 20m (1.68ha). The survey included plant communities of open cerrado and cerradão. Soil samples were collected, from 0 to 10cm depth, in 12 different plots, to define its chemical composition. The total survey included 3,137 individ (mais) uals, in 107 species and 43 families. In the cerradão 25 plots (1.0ha) presented 93 species, with Qualea grandiflora, and Vochysia tucanorum showing the highest index of importance value (IVI). In 0.68ha of cerrado we found 76 species and 37 families, with Qualea grandiflora and Qualea parviflora presenting the higher IVI index. Fabaceae Vochysiaceae and Myrtaceae showed the largest number of species in the two plant communities

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

52

Bicycle Use for Transport in an Australian and a Belgian City: Associations with Built-Environment Attributes

Owen, Neville; De Bourdeaudhuij, Ilse; Sugiyama, Takemi; Leslie, Eva; Cerin, Ester; Van Dyck, Delfien; Bauman, Adrian

The walkability attributes of neighborhood environments (residential density, land use mixture, and connectedness of streets) have been found to be associated with higher rates of walking. However, relatively less is known about the associations of walkability attributes with bicycle use for transpo...

DRIVER (Portuguese)

53

Banco de sementes de plantas daninhas e herbicidas como fator de seleção/ Weed seed bank and herbicides as selection factor

Monquero, Patrícia Andréa; Christoffoleti, Pedro Jacob
2005-01-01

Resumo em português O banco de sementes representa um papel ecológico importante no suprimento de novos indivíduos para as comunidades vegetais. Nos agroecossistemas, o banco de sementes, normalmente constitui um sério problema à atividade agrícola, pois garante infestações de plantas daninhas por longo tempo, mesmo quando é impedida a entrada de novas sementes na área. O solo agrícola é um grande depósito de sementes, entretanto, a composição florística de um solo, em determi (mais) nado momento, não representa o potencial real de infestação, já que certas espécies necessitam de condições especiais para a quebra de dormência e posterior germinação. Além disso, as sementes que estão na superfície do solo também estão sujeitas à predação, parasitismo e dispersão. Os diferentes sistemas de manejo do solo e das culturas influenciam decisivamente na germinação e composição florística de uma área e, portanto, no banco de sementes do solo. Devido à seletividade intra e interespecifica, o uso contínuo de herbicidas com o mesmo mecanismo de ação, pode ocasionar mudanças na composição da comunidade de plantas daninhas selecionando espécies tolerantes ou biótipos resistentes ao controle. Resumo em inglês The seed bank plays a very important ecological role in supplying new individuals to plant communities. In agro-ecosystems, seed banks normally present a serious problem to agricultural activity, as they guarantee weed infestation for a long period of time, even when the entry of new weed seeds into the area is prevented. Agricultural soil is a large seed deposit; however, the floristic composition of a soil at a certain moment does not represent the real infestation pote (mais) ntial, as certain species need special conditions to break dormancy and to germinate. Furthermore, the seeds that are at the surface of the soil are also subjected to predation, parasitism and to being dispersed. Different systems of soil and crop management decisively influence the germination and floristic composition of an area and therefore, the soil seed bank. Due to intra and inter-specific selectivity, the continuous use of herbicides with the same action mechanism, they can cause changes in the composition of the weed community, selecting tolerant species or resistant biotypes to control.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

54

Aspectos ecológicos e epidemiológicos de acidentes ofídicos em comunidades ribeirinhas do baixo rio Purus, Amazonas, Brasil/ Ecological and epidemiological aspects of snakebites in riverside communities of the lower Purus River, Amazonas, Brazil

Waldez, Fabiano; Vogt, Richard C.
2009-09-01

Resumo em português Acidentes ofídicos foram registrados em dez comunidades ribeirinhas do baixo rio Purus através de entrevista às vítimas. Os ribeirinhos responderam perguntas sobre a percepção ambiental da ecologia das serpentes envolvidas nos acidentes. O tamanho das serpentes e a altura da mordida no corpo foram estimados com fita métrica. A correspondência entre os nomes locais e científicos das serpentes foi levantada utilizando descrições e imagens das espécies. Para outr (mais) as 17 comunidades dados adicionais do número de famílias com vítimas de acidentes ofídicos foram avaliados através do diagnóstico sócio-ambiental da Reserva de Desenvolvimento Sustentável Piagaçu-Purus. Foram entrevistados 18 ribeirinhos e registrados 28 acidentes ofídicos em cinco comunidades. O número de vítimas por comunidade não teve relação com o tamanho da população. O número de famílias com vítimas foi maior em comunidades maiores (r²= 0,444; p= 0,003). Aproximadamente 88% das mordidas foram nos membros inferiores. Não houve relação do tamanho estimado da serpente com a altura da mordida. A maioria dos acidentes ocorreu de dia (82,14%) e no período de cheia (64,28%) na época de exploração da castanha-da-Amazônia e da madeira pelos ribeirinhos, atividades que despendem maior tempo na floresta. Um único caso de morte por acidente ofídico foi registrado. A serpente Bothrops atrox foi à espécie mais relacionada com acidentes na região. O reconhecimento das serpentes pelos ribeirinhos revelou várias sinonímias, com 20 nomes locais atribuídos a 33 espécies. Na percepção dos ribeirinhos as serpentes B. atrox e Lachesis muta foram às espécies mais temidas e diferem no comportamento de ataque. Resumo em inglês Snakebites were registered in 10 riverside communities of the lower Purus River through interviews with the victims. Local inhabitants answered questions about their perception on ecological aspects of snakes species involved in snakebites. Snake size and bite height on the victim body were estimated with measuring tape. Correspondence of local names and scientific species were obtained by using descriptions and images of the snakes. Additional data on the number of famil (mais) ies with snakebites victims were obtained from social-economic surveys for other 17 communities in the Piagaçu Purus Reserve. Eighteen people and 28 snakebites events were registered in five communities. The number of victims per community was not related to population's size. The number of families with victims was higher in larger communities (r²= 0.444; p= 0.003). Approximately 88% of snakebites were inflicted on the lower limbs of the victims. There was no relationship between estimated snake's size and the height of the bite. Most snakebites occurred at daytime (82.14%), and during the high rive period (64.28%) that coincides with the extraction of brazil nut and timber by the local people when they spend more time in the forest. Only one death due to snakebite was registered. The species Bothrops atrox was responsible for most of the accidents in the region. Snake's identification by local people revealed various synonymies, with 20 local names attributed to 33 species. In their perception, B. atrox and Lachesis muta were the most dangerous species and differ in attack behavior.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

55

Aspectos ecológicos da leishmaniose tegumentar americana: 9. Prevalência/incidência da infecção humana nos municípios de Pedro de Toledo e Miracatu, São Paulo, Brasil/ Ecological aspects of American cutaneous leishmaniasis: 9. Prevalence/incidence of the human infection in Pedro de Toledo and Miracatu municipalities, São Paulo, Brazil

Gomes, Almério de Castro; Yamamoto, Yoshimi Imoto; Capinzaiki, Antonio Norberto; Amaral, Neusa Maria Moreira; Guimarães, Alberto Jorge Garcia
1992-04-01

Resumo em português Este trabalho apresenta aspectos epidemiológicos da leishmaniose tegumentar nos municípios de Pedro de Toledo e Miracatu, região do Vale do Ribeira, estado de São Paulo, referente ao período 1973-1984. Foi feita uma análise retrospectiva de 108 e 65 casos humanos, respectivamente, para os dois municípios acima. Outro estudo prospectivo foi realizado através do exame clínico e testes de Montenegro, imunofluorescência indireta (IF) e hemaglutinação passiva (HA). (mais) Duzentos e setenta e três pessoas foram examinadas, sendo que 22 tinham leishmaniose clínica; 10,2 e 12,8% foram soropositivos à IF e HA, respectivamente. O teste de Montenegro foi aplicado em 154 indivíduos residentes em Pedra do Largo, com prevalência de 25,5% de infecção humana. Destes, 5,8% eram crianças com idade entre 0 e 9 anos. A morbidade mostrou-se variável no tempo, manifestada sob a forma de surtos epidêmicos explosivos e sugerindo feição cíclica ainda mal definida. Notou-se tendência para incidência nula em período subseqüente a cada surto. O aspecto epidemiológico geral mostra uma leishmaniose tegumentar com baixa endemicidade. O padrão de transmissão pareceu não depender do contato do homem com a floresta e a infecção humana sem distinção entre crianças e adultos Resumo em inglês The epidemiological study was conducted during the 1973-1984 period. The clinical prospective exam and Montenegro skin, immunoflurescent and passive hemagglutination tests have been carried out in three small localities between Pedro de Toledo e Miracatu municipalities, São Paulo, Brazil. The retrospective study of human-cases involved 108 and 65 cases registered in Pedro de Toledo e Miracatu, respectively. In the three communities studied, 273 people were examinated cli (mais) nically and serologically. Twenty two individuals had had signals of cutaneous leishmaniasis; 10.2 and 12.8% were seropositive to IF and HA. Leishmanin skin testing of a sample of 154 people residents in Pedra do Largo showed prevalence of Leishmania infection in 25.5%. This result involved individual of all ages and sex. However, 5.8% of them were from 0 to 9 years old. The data confirmed that active parasite transmission didn't occur every year, either. The human infection seems not to depend on man contact with a forest. The incidence relatively low suggests low endemic area for cutaneous leishmaniasis and an explosive behavior of the cases. The temporal distribution of disease was irregular and the epidemiological pattern seen was different from the other endemic area of South America

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

56

As formigas como indicadores biológicos do impacto humano em manguezais da costa sudeste da Bahia/ Ants as biological indicators of human impact in mangroves of the southeastern coast of Bahia, Brazil

Delabie, Jacques H.C.; Paim, Valéria R.L. de M.; Nascimento, Ivan C. do; Campiolo, Sofia; Mariano, Cléa dos S.F.
2006-10-01

Resumo em português Os manguezais são comuns ao longo dos estuários da costa Atlântica do Brasil. Embora a diversidade de plantas seja baixa, esse ecossistema suporta uma fauna diversa, oferecendo diferentes tipos de recursos para numerosos organismos não aquáticos. Muitos insetos habitam as áreas de manguezal e, entre estes, numerosas espécies de formigas exclusivamente arbóreas. Na maior parte das áreas do mundo onde ocorrem, os manguezais vêm sofrendo altos níveis de impacto hu (mais) mano e isso é particularmente evidente no Sudeste da Bahia, onde ocorre o tradicional extrativismo de caranguejos e peixes, aterramento com fim de exploração imobiliária e corte de lenha. A comunidade de formigas de 13 manguezais com diferentes níveis de antropização foi estudada na costa sudeste da Bahia, em áreas distribuídas em 250 km de litoral, entre Itacaré e Porto Seguro. As formigas foram amostradas dentro e nas vegetações periféricas dos manguezais, usando lençol entomológico, isca, coleta de galhos ocos e pit-fall. Foram amostradas 108 espécies de formigas, sendo Camponotus e Pseudomyrmex os gêneros com maior riqueza especifica e Azteca e Crematogaster os mais freqüentes. A comunidade de formigas que vivem na vegetação periférica aos manguezais estudados é bastante homogênea mas varia notoriamente com a perturbação antrópica dentro desses ambientes. As riquezas das comunidades da periferia e do próprio manguezal são relacionadas negativamente com o grau de antropização. Comunidades de formigas têm, portanto, potencial para serem utilizadas como indicadores biológicos de impacto ambiental no ecossistema manguezal. Resumo em inglês Mangroves are common in estuaries along the Atlantic coast of Brazil. Although plant diversity is low, this ecosystem supports a range of animals, offering some resources for non-aquatic organisms. Many insects live in mangroves and, between them, many ant species that are exclusively arboreous. Mangroves throughout the world suffer from high levels of human impact, and this is particularly true for southeastern Bahia, where land-uses include traditional crab and fish exp (mais) loitation, urban development, refuse pollution, recreation, and timber extraction. The ants of 13 mangrove sites, representing a range of levels of human use, have been studied along 250 km of the southern Bahia littoral, between Itacaré and Porto Seguro. Ants were sampled both inside and on the periphery of the tidal zone, using entomological rainbow, baiting, collect of hollow branches and pit-fall. A total of 108 species have been collected, with the richest genera being Camponotus and Pseudomyrmex, and the most frequent belonging to the genera Azteca and Crematogaster. The ant community living on the periphery of mangrove areas is rather homogeneous regardless of the degree of environmental perturbation, but varies markedly with the disturbance inside the mangroves themselves. The evolution of richness of the both communities, mangrove and periphery, is negatively related to the human effects, even limited to the periphery. Ant communities therefore have the potential to be useful as biological indicators of ecological impacts of land-use in these mangrove systems.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

57

Adaptação do índice de integridade biótica usando a comunidade de peixes para o rio Paraíba do Sul/ Adaptation of the index of biotic integrity based on fish assemblages in the Paraíba do Sul river, RJ, Brazil

ARAÚJO, F. G.
1998-11-01

Resumo em português Uma adaptação do Índice de Integridade Biótica (IIB) utilizando a comunidade de peixes foi realizada para um dos trechos mais críticos do Rio Paraíba do Sul, entre Barra Mansa e Barra do Piraí, visando à obtenção de um padrão de monitoramento biológico que permitisse inferir a qualidade da água de maneira segura, robusta e independente de variações a curto prazo. Um programa de amostragens mensais padronizadas foi realizado, entre março de 1995 e fevereiro (mais) de 1996, em quatro locais de coletas (Barra Mansa, Volta Redonda, Pinheiral e Barra do Piraí), todos situados junto à embocadura de riachos tributários, onde foram realizadas as pescarias sistematizadas com idêntico esforço, utilizando rede picaré, tarrafas e peneiras. O Índice de Integridade Biótica (IIB) adaptado foi definido por Karr (1981) como integrador dos fatores ecológicos e ambientais, sendo compreendido por 12 itens relacionados à Composição e Riqueza de Espécies, Composição Trófica e Abundância e Condição dos Peixes. A qualidade da água do rio foi classificada entre Muito Pobre e Razoável, tendo as pontuações do IIB apresentado uma tendência de melhoria crescente ao longo do fluxo do rio, com menores valores em Barra Mansa e maiores em Barra do Piraí, embora tais diferenças não tenham sido estatisticamente significativas (p > 0,01). Sazonalmente, águas de melhor qualidade foram observadas entre março e agosto, e as piores, entre setembro e fevereiro, estas últimas coincidindo com o período de maior pluviosidade, quando maior quantidade de material alóctone é carreado para o rio. Resumo em inglês The Index of Biotic Integrity (IBI) has been used to assess the biological quality of flowing water systems in several areas of the United States and Western Europe, using the fish community. An adaptation of this index, which was firstly described by Karr (1981), was used for the first time in Brazil at the Paraíba do Sul river, between Barra Mansa and Barra do Piraí. This is a very important extent of this river because of the high pollution levels, mainly from Nation (mais) al Siderurgy Company, and for being the main abstraction source of Rio de Janeiro water supply. A monthly standardised sampling programme to catch fish was carried out, from March-1995 to February-1996, at four fixed stations (Barra Mansa, Volta Redonda, Pinheiral e Barra do Piraí), all located at the mouth of small tributaries. Seines, casting nets and net trays were used for catch the fishes. Index of Biotic Integrity (IBI) was adapted by integrating 12 ecological attributes of fish communities, populations, and individual organisms to assess biological integrity based in Species Composition and Richness, Trophic Structure and Fish Abundance and Condition. Overall, water quality was classified between poor and fair and an improvement in IBI was detected between the high polluted Barra Mansa site and the least polluted Barra do Piraí site, although no significant difference was shown (p > 0,01). Seasonally, the best conditions were reached between March and August, and the worse between September and February, when more aloctone materials are brought to the river.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

58

A ocorrência do mutualismo facultativo entre Dyckia maritima Backer (Bromeliaceae) e o cupim Cortaritermes silvestrii (Holmgren), Nasutitermitinae, em afloramentos rochosos no Parque Estadual de Itapuã, Viamão, RS/ The occurrence of facultative mutualism between Dyckia maritima Backer (Bromeliaceae) and the termite Cortaritermes silvestrii (Holmgren), Nasutitermitinae, on rock outcrops in Itapuã State Park, Viamão, RS

Waldemar, Celso Copstein; Irgang, Bruno Edgar
2003-03-01

Resumo em português A presença de colônias de C. silvestrii é comum nos lajeados existentes em Itapuã. Na estação Morro da Grota1, 92,0 % dos termiteiros situados na rocha exposta e em ilhas de vegetação estão associados a D. maritima. Esta convivência ocorre em 31,2 % das ilhas na qual esta bromélia se faz presente. Nas ilhas, a comparação entre os substratos aonde D. maritima vegeta, o solo litólico húmico existente sob o manto do musgo Campylopus spp. e o substrato constitu (mais) ído pelo cupinzeiro indica que este último possui os teores mais elevados dos nutrientes P, K, Ca, Mg, Zn e Mn, maior CTC e maiores teores de partículas finas, principalmente o silte. O estabelecimento de D. maritima sobre os termiteiros de grande porte aumenta o seu valor de cobertura em ilhas de vegetação quando comparado com ilhas sem termiteiros ou com termiteiros de pequeno porte em áreas entre 2,7 a 8,0 m². Este fato é atribuído à melhoria físico-química do substrato e ao aumento de superfície e volume aptos a serem colonizados pela bromélia e proporciona maior competitividade em relação a outras espécies vegetais. As características apresentadas pela interação entre este cupim e D. maritima, pela primeira vez descrita na literatura, permitem indicar esta relação ecológica como mutualismo facultativo. Inferimos que o conjunto de observações apresentado constitui um modelo temporal de crescimento deste mutualismo, cujas fases inicial e tardia estão descritas neste trabalho. Resumo em inglês The presence of colonies of C. silvestrii is common, both on the rock surface and at islands of vegetation. At Morro da Grota1 station, 92,0 % of the termite nests on rocky outcrops and at island of vegetation are associated with this bromeliad. These nests are associated with D. maritima, in 31,2 % of the islands where this bromeliad occurs. At these island communities, the comparison between the substrata where D. maritima occurs, the litolic Waldemar & Irgang: Mutualis (mais) mo facultativo entre Dyckia maritima e o cupim Cortaritermes silvestrii humic soil existing under the mantle of the moss Campylopus spp. and the substratum produced by termites indicates that this possesses higher levels of the nutrients P, K, Ca, Mg, Zn and Mn, CEC and higher fine particles content, mainly silt. The establishment of D. maritima rosettes on great termite nests increase their value of relative coverage at islands inside areas between 2,7 to 8,0 m². This fact is attributed to the improvement physical-chemistry of the substratum and the increase of surface and volume to be colonized for the Bromeliad. It provides for greater competitiveness at this species in relation to other vegetal species. The features presented for the interaction between this termite and D. maritima, for the first time described in literature, lead to the classification of this ecological relationship as facultative mutualism. The set of observations constitute a temporal model of development of this mutualism at island's vegetation, whose phases, initial and advanced are described.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

59

A concepção de "espaço" na investigação epidemiológica/ The concept of space in epidemiological research

Costa, Maria da Conceição Nascimento; Teixeira, Maria da Glória Lima Cruz
1999-04-01

Resumo em português As atuais fragilidades conceituais e metodológicas da epidemiologia são fatores que têm restringido o estudo dos fenômenos de saúde das coletividades humanas. Neste artigo alguns princípios básicos são apresentados como resultado da observação do percurso da geografia na definição do seu objeto ­ o espaço ­ e da sua aplicação na medicina e na epidemiologia. Esses princípios fundamentam a pertinência da estratégia conceitual e metodológica que tem como (mais) perspectiva a abordagem do espaço geográfico-social, já que este é entendido como expressão das condições de vida da população. A aplicação desse conceito na prática da investigação epidemiológica ainda é limitada, embora outras áreas do conhecimento já tenham desenvolvido propostas de superação. Os estudos de agregados, cuja unidade de análise é o grupo, mais freqüentemente os agregados espaciais, e o modelo ecológico que se baseia na idéia de inter-relação de fatores, se aperfeiçoados, podem vir a ser uma alternativa promissora nesta direção. Destaca-se que a totalidade deve ser a referência científica, visando garantir o não afastamento dos complexos processos interativos determinantes dos fenômenos de saúde na população. Resumo em inglês Epidemiology's conceptual and methodological shortcomings have placed constraints on the study of health phenomena related to human communities, thus posing a challenge to the field. This paper presents some basic principles resulting from the observation of the field of geography in defining its object ­ space ­ and the application of this object to medicine and epidemiology. Such principles state the pertinence of a conceptual and methodological strategy focusing on a (mais) n approach to geographic space as expressing the population's living conditions. Application of this concept to epidemiological studies is still limited, although such proposals have already been developed in other areas of knowledge. Ecological studies, whose unit of analysis is the group, and the ecological model, based on the idea of an inter-relationship of factors, if improved, could become a promising alternative in this direction. The authors emphasize that researchers should have wholeness as their scientific reference in order to guarantee the non-separation of the complex interactive processes determining health phenomena in the population.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

60

A concepção de "espaço" na investigação epidemiológica/ The concept of space in epidemiological research

Costa, Maria da Conceição Nascimento; Teixeira, Maria da Glória Lima Cruz
1999-04-01

Resumo em português As atuais fragilidades conceituais e metodológicas da epidemiologia são fatores que têm restringido o estudo dos fenômenos de saúde das coletividades humanas. Neste artigo alguns princípios básicos são apresentados como resultado da observação do percurso da geografia na definição do seu objeto ­ o espaço ­ e da sua aplicação na medicina e na epidemiologia. Esses princípios fundamentam a pertinência da estratégia conceitual e metodológica que tem como (mais) perspectiva a abordagem do espaço geográfico-social, já que este é entendido como expressão das condições de vida da população. A aplicação desse conceito na prática da investigação epidemiológica ainda é limitada, embora outras áreas do conhecimento já tenham desenvolvido propostas de superação. Os estudos de agregados, cuja unidade de análise é o grupo, mais freqüentemente os agregados espaciais, e o modelo ecológico que se baseia na idéia de inter-relação de fatores, se aperfeiçoados, podem vir a ser uma alternativa promissora nesta direção. Destaca-se que a totalidade deve ser a referência científica, visando garantir o não afastamento dos complexos processos interativos determinantes dos fenômenos de saúde na população. Resumo em inglês Epidemiology's conceptual and methodological shortcomings have placed constraints on the study of health phenomena related to human communities, thus posing a challenge to the field. This paper presents some basic principles resulting from the observation of the field of geography in defining its object ­ space ­ and the application of this object to medicine and epidemiology. Such principles state the pertinence of a conceptual and methodological strategy focusing on a (mais) n approach to geographic space as expressing the population's living conditions. Application of this concept to epidemiological studies is still limited, although such proposals have already been developed in other areas of knowledge. Ecological studies, whose unit of analysis is the group, and the ecological model, based on the idea of an inter-relationship of factors, if improved, could become a promising alternative in this direction. The authors emphasize that researchers should have wholeness as their scientific reference in order to guarantee the non-separation of the complex interactive processes determining health phenomena in the population.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

61

A cidade, um foco de diversidade agrícola no Rio Negro (Amazonas, Brasil)?/ The urban area, a center of agrobiodiversity in the Negro River region (Amazonas, Brazil)?

Emperaire, Laure; Eloy, Ludivine
2008-08-01

Resumo em português As regiões do Médio e Alto Rio Negro, apesar de serem isoladas da malha de comunicação terrestre e das frentes de colonização, caracterizam-se por uma articulação cada vez mais forte entre a área florestal, a das comunidades, e a urbana, ou seja, as pequenas cidades ribeirinhas. Esta complementaridade, temporária ou definitiva, se traduz por uma expansão da agricultura periurbana. Propomos uma abordagem comparativa da diversidade agrícola entre o urbano e o fl (mais) orestal. Analisamos as relações entre formas de manejo dos espaços cultivados (superfícies, ciclo de uso e práticas), plantas cultivadas e redes sociais envolvidas no acesso aos recursos fitogenéticos. A análise mostra uma recomposição dos sistemas agrícolas com a permanência de uma alta diversidade agrícola, porém marcada por uma maior vulnerabilidade do sistema em decorrência da diminuição do tempo de pousio e da diminuição da força de trabalho disponível. No contexto urbano, as estratégias tradicionais de manejo dos recursos agrícolas se combinam a um outro objetivo, o do acesso à terra. A análise aponta para a necessidade de uma reflexão sistémica sobre as possíveis formas de conservação deste patrimônio biocultural. Resumo em inglês Despite its isolation from land communications networks and colonization frontiers, the regions of the Upper and Middle Negro River are characterized by increasing connectivity between rural or forest areas, pertaining to communities, and urban areas, i.e. small towns along the river. Population movement between these two poles, on a temporary or permanent basis, results in expanded periurban agriculture, in the context of new social and ecological arrangements. A compara (mais) tive approach is proposed to cultivated plants diversity, based on a sample of 14 and 18 families in these urban and forest contexts. Relations among the diversity of managed spaces, biological diversity and social networks involved in access to phytogenetic resources were analyzed. The analysis shows a recomposition of agricultural systems with high crop diversity, at times higher than in the context of forests, albeit subject to more system vulnerability due to reduced fallow periods and available manual labor. In urban areas, traditional agricultural resource management strategies are combined with another objective, farmed lands access. This analysis also points out the need for reflection about the conservation of a biocultural heritage.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

62

A cachoeira do Poço Encantado: empreendimento familiar e presença Kalunga na cadeia do ecoturismo em Teresina de Goiás

Cruz, Kelma Christina Melo dos Santos; Valente, Ana Lúcia Eduardo Farah
2005-12-01

Resumo em português Apresentam-se os principais resultados e discussões de dissertação de mestrado, cujo objeto é a experiência desenvolvida na Cachoeira do Poço Encantado, no município de Teresina de Goiás, considerando-o, metodologicamente, como manifestação singular da conformação atual da sociedade capitalista, que se apresenta de forma contraditória e dinâmica. Na construção do objeto perseguiram-se os seguintes objetivos: conhecer as estratégias implementadas e que con (mais) formam a cadeia do ecoturismo naquela localidade; compreender de que maneira os Kalungas estão inseridos nessa cadeia; refletir sobre a formulação e implementação de políticas públicas que contemplem as comunidades quilombolas no Brasil, e fornecer indicações quanto às perspectivas futuras. Resumo em inglês The object of study in this research is the ecotourism experience developed in the Poço Encantado Waterfall located in Teresina de Goiás, in the Chapada dos Veadeiros region, Northeast of Goiás. It is a family business established since 1996 opened to public visitation which offers rural and ecological tourism. The activities developed there are also related to the territory of the biggest remaining community of quilombos in Brazil: the Kalunga community. In order to u (mais) nderstand this object of study we attempted to attain the following objectives: a) To know the strategies that form and were implemented in the chain of ecotourism in the waterfall of Poço Encantado; b) To understand in what ways the Kalunga people are inserted within such chain; c) To reflect about the formulation and implementation of public policies which can benefit the Quilombolas communities in Brazil; d) To provide a plan concerning future perspectives. In this research, we chose the single case study as a methodological resource. We consider the Poço Encantado Waterfall to be a unique manifestation that must be contextualized and part of the present capitalist society which presents itself in a contradictory and dynamic way. The purpose of this research is to contribute in the agribusiness field. This business proposition is to analyze and point out immediate and viable ways to change the approach and strategies in the activities involved along the productive chains.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

63

Comunidade de Coleoptera de solo em remanescente de Mata Atlântica no Estado do Rio de Janeiro, Brasil/ Comunity of soil fauna Coleoptera in the remnants of lowland Atlantic Forest in state of Rio de Janeiro, Brazil

Teixeira, Cíntia Cristina Lima; Hoffmann, Magali; Silva-Filho, Gilson
2009-12-01

Resumo em português A fauna do solo exerce importante papel nos processos ecológicos do ecossistema. Estudos sobre a composição e estrutura dessas comunidades são importantes para entender o seu funcionamento. Assim o objetivo deste trabalho foi avaliar a comunidade de Coleoptera, coletada mediante armadilhas de solo, quinzenalmente, durante o período de treze meses (08/2003-08/2004), na Mata do Mergulhão, Rio de Janeiro. Foram capturados 10.820 espécimes, representados por 24 famíli (mais) as, sendo considerados abundantes Nitidulidae (4.782 indivíduos), Curculionidae (3.176 indivíduos), Scarabaeidae (2.019 indivíduos) e Staphylinidae (326 indivíduos), capturadas em todo período de coleta. De acordo com as guildas tróficas, os indivíduos das famílias coletados, podem ser agrupados em detritívoros (4.802 espécimes), herbívoros (3.218 espécimes), decompositores (2.019 espécimes), predadores (621 espécimes) e fungívoros (160 espécimes). Foi constatada maior ocorrência de detritívoros (44,4%), herbívoros (29,7%) e decompositores (18,7%). Foram capturados 6.685 exemplares (61,8%) no período de outubro/2003 a março/2004, na estação chuvosa, e 4.135 exemplares (38,2%) na estação seca. Foram observadas maiores capturas nos meses de outubro e dezembro de 2003, e março de 2004. Resumo em inglês The soil fauna plays an important role in the ecological function of an ecosystem and studies on the composition and structure of these communities are important to understand your functioning. The objective of our study was to evaluate of community of the soil fauna Coleoptera, collected bimonthly through pitfall trap, from August 2003 to August 2004. A total of 10,820 specimens from 24 families of Coleoptera were captured, but Nitidulidae (4,782 individuals), Curculioni (mais) dae (3,176), Scarabaeidae (2,019) and Staphylinidae (326) were considered abundant families. According to the trophic guild, the collected individuals can be divided into detritivores (4,802 specimens), herbivores (3,218), decomposers (2,019), predators (621) and fungivoros (160). These results indicate no dominance of a single trophic group, however, the high occurrence of detritivores (44.4%), herbivores (29.7%) and decomposers (18.7%) was registered. About 61.8% (6,685 individuals) were captured during October 2003 to March 2004, a rainy period, and 38.2% (4,135) during the dry period indicating a pronounced seasonal difference in the relative abundance of individuals sampled. The high frequency of individuals was observed during the October and December, 2003, and March, 2004.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)