Sample records for degradation nuclear
from WorldWideScience.org

Sample records 1 - 6 shown.



1

Preparação de argila modificada com cloreto de cetilpiridíneo e avaliação da interação desta com o PVC/ Preparation of modified clay with cetylpyridinium chloride and evaluation of their interaction with PVC

Resende, Daniel K.; Dornelas, Camila B.; Tavares, Maria I. B.; Gomes, Ailton S.; Moreira, Leonardo. A.; Cabral, Lúcio M.; Simeoni, Luiz. A.
2010-09-01

Resumo em português Foi preparada uma argila modificada com cloreto de cetilpiridíneo a partir da argila sódica por troca de cátions em solução. Foi avaliada a quantidade de agente de modificação em relação à argila sódica e o tempo reacional. Os materiais obtidos foram caracterizados por difração de raio X (XRD), análise termogravimétrica (TGA) e ressonância magnética nuclear (RMN) de baixo campo. Após a caracterização foi confirmada a modificação da argila e, também, (mais) foi verificado que o produto obtido pode ser empregado na preparação de nanocompósitos de PVC, considerando que o início da degradação do material preparado ocorreu em temperatura superior às comumente utilizadas no processamento do polímero. A adição da argila modificada apresentou uma dispersão adequada no PVC e manteve o início da degradação do material em temperatura compatível com o processamento do polímero, gerando um nanocompósito com parte esfoliada e intercalada. Resumo em inglês A modified silicate with cetylpyridinium was prepared from sodium clay with cation exchange in solution. The amount of modification agent for clay and the reaction time were evaluated. The materials produced were characterized using X ray diffraction (XRD), termogravimetric analysis (TGA) and low field nuclear magnetic resonance (NMR). The formation of new organic clay was confirmed, which was introduced in PVC for the formation of nanocomposites. The beginning of degrada (mais) tion of the new clay occurred at temperatures higher than commonly used in the processing of PVC. The nanocomposites were partially exfoliated and partially intercalated.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

2

Preparação, caracterização e degradação de blendas PS/TPS usando glicerol e óleo de buriti como plastificantes/ Preparation, characterization and degradation of PS/TPS blends using glycerol and buriti oil as plastiscizers

Schlemmer, Daniela; Sales, Maria J. A.; Resck, Inês S.
2010-01-01

Resumo em português Poliestireno (PS) é um dos materiais descartáveis mais usados no nosso cotidiano, mas ele não se decompõe facilmente. A adição de amido de mandioca ao PS pode melhorar a sua degradabilidade, tendo em vista ser o amido um polímero biodegradável. O objetivo deste trabalho foi desenvolver blendas de PS e (amido termoplástico) TPS usando dois diferentes plastificantes: glicerol e óleo de buriti, sendo esse óleo um plastificante natural e original para o amido. As b (mais) lendas PS/TPS foram preparadas em diversas composições por casting e em seguida caracterizadas por termogravimetria (TG), calorimetria exploratória diferencial (DSC), análise termomecânica (TMA) e ressonância magnética nuclear (RMN) 13C. As blendas PS/TPS com óleo de buriti apresentaram uma contínua redução em suas Tg e Ta. Nas blendas com glicerol esses parâmetros permaneceram praticamente constantes. As blendas também foram submetidas a testes de degradação no solo e depois analisadas por TG e RMN. A análise das blendas PS/TPS com óleo de buriti mostrou que houve um aumento da perda de massa nas curvas TG. Nos espectros de RMN 13C, todos os picos referentes ao amido desapareceram, depois do teste de aterro, sugerindo que houve consumo do amido das blendas por microorganismos. De acordo com as análises realizadas, a adição do TPS produzido com óleo de buriti pode melhorar a degradabilidade do PS. Resumo em inglês Polystyrene (PS) is one of the most used disposable materials in our daily life, but it does not decompose easily. The addition of cassava starch to PS can improve its degradability since starch is a biodegradable polymer. The aim of this work was to develop blends of PS and thermoplastic starch (TPS) using two different plasticizers: buriti glycerol and buriti oil, a novel and natural plasticizer for starch. PS/TPS blends were prepared in various contents with the castin (mais) g technique and analyzed by thermogravimetry (TG), differential scanning calorimetry (DSC), thermomechanical analysis (TMA) and 13C nuclear magnetic resonance (NMR). PS/TPS blends with buriti oil presented a continuous reduction in Tg and Ta. For blends with glycerol these parameters remained practically constant. PS/TPS blends were submitted to degradation by soil burial testing and then analyzed by TG and 13C NMR. The analysis of PS/TPS blends with buriti oil indicated an increase in weight loss in the TG curves. All NMR peaks associated with starch disappeared after the soil burying test, probably due to the consumption of starch by microorganisms. The results showed that addition of TPS produced with buriti oil to PS can probably improve its degradability.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

3

Avaliação das silagens de capim-elefante aditivadas com nabo forrageiro, pinhão manso e tremoço, pela técnica de produção de gases/ Evaluation of elephant grass silages with forage radish, jatropha and lupine cakes as additives by the gas production technique

Neiva Júnior, Arnaldo Prata; Silva Filho, José Cleto da; Cleef, Eric H. Castello Branco Van; Pinto, José Cardoso; Abdalla, Adibe Luiz; Tavares, Valdir Botega
2010-08-01

Resumo em português Objetivou-se, na condução deste trabalho, a avaliação das silagens de capim-elefante aditivadas com tortas de nabo forrageiro, pinhão manso e tremoço pela técnica de produção de gás. O experimento foi desenvolvido no Laboratório de Nutrição Animal do Centro de Energia Nuclear na Agricultura da Universidade de São Paulo (LANA/CENA/USP). Como doadores de líquido de rúmen, foram utilizados 2 ovinos da raça Santa Inês, machos, adultos, castrados e providos d (mais) e cânula ruminal permanente. A alimentação dos animais doadores foi constituída de forragem de gramínea cultivada e uma suplementação, ao final do dia, com feno de Tifton, concentrado comercial e sal mineral à vontade. Os substratos foram secos a 60ºC, moídos em moinho do tipo Willey, provido de peneira com perfurações de 2 mm. Os gases produzidos durante os diferentes períodos de fermentação (0, 4, 8, 12, 24, 36, 48, 72 e 96 h) foram medidos com um transducer - medidor de pressão.O experimento foi instalado segundo um delineamento de blocos ao acaso em que os tratamentos foram arranjados em um esquema de parcelas subdivididas no tempo. Os maiores valores de produção de gás observados para os tratamentos em que adicionou-se torta de tremoço quando comparados com as outras tortas, decorreu do fato da torta de tremoço apresentar menor teor de fibras, propiciando assim, uma maior fermentação ruminal e, consequentemente, maior produção de gás em relação a outros alimentos com maior proporção de carboidratos estruturais (parede celular).As taxas de degradação da fração solúvel da matéria seca foi menor para NF 8% e PM 11% em relação às outras silagens estudadas. Foram encontradas diferenças significativas para as TNF, TPM e TT, nos diferentes níveis, em relação ao volume de gases em 96 h de incubação (P Resumo em inglês The objective of this work was to evaluate elephant grass silages with forage radish, Jatropha and lupine cakes as additives by the gas production technique. The experiment was developed in the Animal Nutrition Laboratory of the Center of Nuclear Energy in Agriculture (Center Centro de Energia Nuclear na Agricultura) of São Paulo University (LANA/CENA/USP). As donors of rumen liquid, two sheep of the Santa Ines breed, males, adults and fitted with permanent rumen cannula (mais) were used. The donating animals' feeding consisted of cultivated grass forage and a supplementation ate the end of day with Tifton hay, commercial concentrate and mineral salt at will. The substrates were dried at 60ºC, ground in Willey type mill fitted with a sieve with perforations of 2 mm. The gases produced during the different fermentation periods (0, 4, 8, 12, 24, 36, 48, 72 and 96 h) were measured with a transducer - pressure measurer. The experiment was set up according to a randomized block design in which the treatments were arranged in a split plot in time. The greatest values of gas production were found for the treatments where lupine cake was added when compared with the other cakes. That originated from the fact that lupine cake presented lower fiber content, enabling increased rumen fermentation and, hence, higher gas production in relation to other feeds with a greater ratio of structural carbohydrates (cell wall). The degradation rate of the soluble fraction of dry matter was lower for 8% TNF and 11% TPM in relation to the other silages studied. Significant differences were found for the TNF, TPM and TT at the different levels relative to the amount of gas in 96 h of incubation (P

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

4

Estudo de propriedades de PVC modificado com grupos alquila e benzila/ Study of the properties of PVC modified through substitution by alkyl and benzyl groups

Vinhas, G. M; Souto-Maior, Rosa M.; Almeida, Yeda M. B. de
2005-07-01

Resumo em português O poli(cloreto de vinila) (PVC) é o segundo termoplástico mais consumido em todo o mundo, sendo considerado o mais versátil dentre os plásticos. A grande versatilidade do PVC deve-se a suas propriedades e também a sua adequação aos mais variados processos de transformação. Uma vez que a resina de PVC é atóxica e inerte, a escolha de aditivos com essas mesmas características, permite a fabricação de filmes para embalagens de alimentos e produtos médico-hospi (mais) talares. Entretanto, suas propriedades podem se alterar quando submetido a qualquer processo de esterilização, especialmente por radiação gama. Neste trabalho foi realizado um estudo sobre a flexibilidade e estabilidade frente à radiação gama do PVC modificado quimicamente. O PVC foi modificado pela substituição de átomos de cloro por grupos alquila e benzila através de reações com reagentes de Grignard. Amostras de PVC modificado foram caracterizadas por espectroscopia de ressonância magnética nuclear de hidrogênio (RMN ¹H), espectroscopia na região do infravermelho com transformada de Fourier e calorimetria diferencial exploratória. A degradação do PVC modificado, quando submetido à radiação gama, foi avaliada por seus parâmetros viscosimétricos. De uma forma geral, o PVC modificado apresentou maior estabilidade à radiação gama que o original. O polímero modificado por substituição do cloro por grupo que contém um anel aromático foi o que apresentou maior estabilidade, quando submetido à dose de esterilização de 25 kGy. O PVC modificado apresentou temperaturas de transição vítrea ligeiramente mais baixas que o PVC original, indicando uma tendência ao aumento de flexibilidade pela presença de grupos alquila e benzila na cadeia do polímero. Resumo em inglês Poly(vinyl chloride) (PVC) ranks second among the most consumed thermoplastics in the world, and is considered the most versatile plastic. This versatility arises from its properties and suitability to a variety of transformation processes. The resin is non toxic and inert, therefore the choice of additives having these properties allows for the fabrication of films for food packaging and medical products. On the other hand, the PVC properties can be altered by sterilizat (mais) ion processes, in particular through gamma radiation. In this paper we present a study of the flexibility and stability to gamma radiation of chemically-modified PVC. PVC was modified through substitution of chlorine by alkyl and benzyl groups using Grignard reagents. Modified PVC samples were characterized by proton nuclear magnetic resonance (¹H NMR) spectroscopy, infrared spectroscopy and differential scanning calorimetric analyses. Degradation of the polymers when submitted to gamma irradiation was evaluated by their viscometric parameters. The modified PVCs generally presented higher stability to gamma radiation than the original polymer. The benzyl substituted polymer exhibited the highest stability when submitted to the sterilization dosage of 25 kGy. The modified PVCs presented glass transition temperatures slightly lower than the original polymer pointing to an increase in flexibility due to the presence of alkyl and benzyl groups as substituents in the main chain.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

5

Intoxicação experimental por monofluoroacetato de sódio em bovinos: aspectos clínicos e patológicos/ Experimental poisoning by sodium monofluoroacetate in cattle: clinical and pathological aspects

Nogueira, Vivian A.; França, Ticiana N.; Peixoto, Tiago C.; Caldas, Saulo A.; Armién, Anibal G.; Peixoto, Paulo V.
2010-07-01

Resumo em português Monofluoracetato de sódio (MF) foi identificado, por cromatografia, em três das doze plantas que causam morte súbita em bovinos no Brasil, incluindo Palicourea marcgravii, a mais importante desse grupo. Uma lesão considerada típica por alguns autores para intoxicação foi¹ a degeneração hidrópico-vacuolar dos túbulos uriníferos contorcidos distais (DHV). O objetivo deste trabalho foi verificar se a ingestão de MF induz sinais clínicos e lesões similares às (mais) observadas nos bovinos intoxicados pelas plantas que causam morte súbita. Seis vacas receberam, por via oral, 0,5 e 1,0mg/kg de MF diluídos em 50mL de água destilada. Clinicamente, os animais apresentaram taquicardia, jugular repleta com pulso venoso positivo, respiração abdominal, ligeira perda de equilíbrio, por vezes cambaleavam, deitavam e apoiavam a cabeça no flanco. Na fase final (agônica), todos os animais caíam em decúbito lateral, esticavam os membros, faziam movimentos de pedalagem, apresentavam opistótono, nistagmo, mugidos e a morte ocorria em 2-14 minutos. À necropsia verificaram-se aurículas, jugulares, ázigos e pulmonares moderadamente ingurgitadas. Observaram-se ainda leve a moderado edema da subserosa nos locais de fixação da vesícula biliar no fígado, além de leve edema entre o duodeno e o pâncreas. O exame histopatológico revelou, em todos os animais, desde leve a acentuada DHV das células epiteliais dos túbulos uriníferos contorcidos distais associada à cariopicnose. Com relação à ultraestrutura, observou-se vacuolização do citoplasma devido ao acúmulo de água. Vacuolização e necrose de coagulação individual ou de grupos de hepatócitos e leve congestão hepática secundários à estase venosa também foram observados. DHV tem sido observada em casos de envenenamento por outras substâncias, porém nestes não está restrita aos túbulos distais e não se observa cariopicnose. Este estudo demonstra que a DHV dos túbulos renais de bovinos pode ser causada pelo envenenamento por MF e, por analogia, essa substância deve ser considerada como um dos fatores importantes, senão o mais significativo, implicado na morte dos animais que ingerem plantas que causam morte súbita no Brasil. Isso indica que estudos, que envolvam metabolização de MF por bactérias ruminais, teriam grande aplicabilidade econômica, uma vez que pelo menos 500.000 bovinos morrem anualmente intoxicados por plantas do grupo das que causam morte súbita no Brasil. Resumo em inglês Sodium monofluoroacetate (MF) was identified, by cromatography, in three of the 12 plants that cause sudden death in cattle in Brazil, including Palicourea marcgravii, the most important plant of this group. A special kind of hydropic-vacuolar degeneration (HVD) of the distal convoluted uriniferous tubules was considered typical for the poisoning by some authors. The objective of this study was to verify if the ingestion of MF causes similar clinical signs and lesion in c (mais) attle poisoned by plants that cause sudden death. Six cows received orally 0.5 and 1.0mg/kg of M diluted in 50mL of distilled water. Clinically the animals presented tachycardia, engorgement and positive pulse of the jugular vein, abdominal breathing, swaying gait, subtle unbalance, and recumbency with head placed the on the flank. In the agonal phase all the animals in lateral recumbence presented muscular fasciculation, tonic contraction, peddling movements, opisthotonus, nystagmus, and died between 2 and 14 minutes. At postmortem examination, the heart auricles, jugular and pulmonary veins were moderately distended and engorged with blood. Slight to moderate edema of the subserosa was seen around the gall bladder and the duodenum near to the pancreas. At light microscopy, HVD associated with nuclear picnosis of the epithelial cells of the distal convoluted uriniferous tubules was present in all animals. Ultrastructurally, the cell lesion represents formation of cytosolic vacuoles, likely due to accumulation of water. Coagulation necrosis of individual or groups of hepatocytes and slight hepatic congestion secondary to the venous stasis were also observed. Hydropic-vacuolar degeneration has been observed in cases of poisoning by many substances, which cause acute tubular nephrosis, however not restricted to the distal renal tubules and without nuclear picnosis. This study demonstrates that the HVD in the kidney can be caused by MF and, in analogy, the compound should be considered responsible for the death of cattle that ingest toxic plants which cause sudden death in Brazil. Our results can be supportive to studies that will focus on the degradation of MF by rumen bacteria, what might have economic implications, as at least 500.000 cattle die annually by sudden death causing toxic plants in Brazil.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

6

Desflurano: propriedades físico-químicas, farmacologia e uso clínico/ Desflurane: physicochemical properties, pharmacology and clinical use/ Desflurano: propiedades físico-químicas, farmacologia y uso clínico

Saraiva, Renato Ângelo
2003-04-01

Resumo em português JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: Seguindo o desenvolvimento da química nuclear com a síntese dos halogenados desde a década de 50 no século passado, vários agentes foram ensaiados clinicamente e alguns tiveram grande aplicação prática. A busca pelo agente ideal continua. Atualmente estão em uso clínico o halotano, enflurano, isoflurano, sevoflurano e desflurano. Todos apresentam vantagens e desvantagens. O desflurano é o mais recente destes agentes. O objetivo deste (mais) trabalho é descrever as propriedades físico-químicas e farmacológicas do desflurano e relatar a aplicação clínica obtida com o uso deste novo agente. CONTEÚDO: As propriedades físico-químicas e as características farmacocinéticas e farmacodinâmicas são determinantes do uso clínico do desflurano. Tendo ponto de ebulição baixo, volatiliza facilmente nas temperaturas das salas de operação, e sua CAM elevada requer que seja administrado em concentrações altas. Então, é recomendável o uso de fluxo baixo de gás fresco e vaporizador especial para que sua aplicabilidade clínica seja economicamente viável. Além disto, o uso de um agente coadjuvante, como o óxido nitroso, reduz sua CAM e possibilita ser usado em menores concentrações. Sua farmacocinética permite indução e regressão rápida, salientando-se também que tem molécula muito estável, sendo pouquíssimo metabolizado, oferecendo grande tolerabilidade para o organismo humano. Suas repercussões farmacodinâmicas são doses-dependentes, semelhantes aos demais agentes inalatórios potentes. CONCLUSÕES: O desflurano representa uma etapa a mais na evolução para se chegar ao anestésico ideal. Suas propriedades físico-químicas lhe conferem características farmacocinéticas bastante desejáveis, que propiciam indução (progressão) e regressão rápidas e também metabolização mínima com a mais baixa toxicidade orgânica entre os anestésicos halogenados, e forte estabilidade molecular, inclusive na presença de absorventes de dióxido de carbono. Tomando-se as devidas precauções quanto à vaporização, armazenamento e consumo, o desflurano pode ser usado inclusive em larga escala, sendo economicamente viável. Resumo em espanhol JUSTIFICATIVA Y OBJETIVOS: Siguiendo el desenvolvimiento de la química nuclear con la síntesis de los halogenados desde la década de 50 en el siglo pasado, varios agentes fueron ensayados clínicamente y algunos tuvieron grande aplicación práctica. La búsqueda por el agente ideal continua. Actualmente están en uso clínico el halotano, enflurano, isoflurano, sevoflurano y desflurano. Todos presentan ventajas y desventajas. El desflurano es el más reciente de estos (mais) agentes. El objetivo de este trabajo es describir las propiedades físico-químicas y farmacológicas del desflurano y relatar la aplicación clínica obtenida con el uso de este nuevo agente. CONTENIDO: Las propiedades físico-químicas y las características farmacocinéticas y farmacodinámicas son determinantes del uso clínico del desflurano. Teniendo punto de ebullición bajo, volatiliza fácilmente en las temperaturas de las salas de operación, y su CAM elevada requiere que sea administrado en concentraciones altas. Entonces, es recomendable el uso de flujo bajo de gas fresco y vaporizador especial para que su aplicabilidad clínica sea económicamente viable. Además de esto, el uso de un agente coadyuvante, como el óxido nitroso, reduce su CAM y posibilita que sea usado en menores concentraciones. Su farmacocinética permite inducción y regresión rápida, destacándose también que tiene molécula muy estable, siendo muy poco metabolizado, ofreciendo grande tolerabilidad para el organismo humano. Sus repercusiones farmacodinámicas son dosis dependientes, semejantes a los demás agentes inhalatorios potentes. CONCLUSIONES: El desflurano representa una etapa a más en la evolución para llegar al anestésico ideal. Sus propiedades físico-químicas le confieren características farmacocinéticas bastante deseables, que propician inducción (progresión) y regresión rápidas y también metabolización mínima con la más baja toxicidad orgánica entre los anestésicos halogenados, y fuerte estabilidad molecular, inclusive en la presencia de absorbentes de dióxido de carbono. Tomándose las debidas precauciones cuanto a la vaporización, almacenamiento y consumo, el desflurano puede ser usado inclusive en larga escala, siendo económicamente viable. Resumo em inglês BACKGROUND AND OBJECTIVES: Following the development of nuclear chemistry with halogenate synthesis in the 50’s of past century, several anesthetics were clinically studied and some of them had wide practical application. The search for the ideal agent continues. Currently, halothane, isoflurane, enflurane, sevoflurane and desflurane are in clinical use. All have advantages and disadvantages. Desflurane is the newest agent. This study aimed at describing physicochemical (mais) and pharmacological properties of desflurane and reporting clinical experiences with this agent. CONTENTS: Physicochemical properties and pharmacokinetic and pharmacodynamic properties of desflurane determine its clinical use. With a low boiling point, it volatizes easily in normal operating room temperatures and its high MAC requires it to be administered in high concentrations. So, the use of low fresh gas flow and special vaporizer is recommended for it to be economically feasible. In addition, the use of coadjuvant anesthetics, such as nitrous oxide, decreases its MAC and allows it to be used in lower concentrations. Its pharmacokinetics provides fast induction and recovery being also worth mentioning that it has a highly stable molecule and is minimally metabolized, thus being well tolerated by the human body. Its pharmacodynamic repercussions are dose-dependent and similar to other potent inhalation anesthetics. CONCLUSIONS: Desflurane is an additional step in the evolution toward the ideal anesthetic agent. Its physicochemical properties give it highly desirable pharmacokinetic characteristics which provide fast induction (progression) and recovery and also minimal metabolic degradation with the lowest organic toxicity among halogenate anesthetics, in addition to strong molecular stability, even in the presence of carbon dioxide absorbents. With special attention regarding vaporization, storage, and consumption, desflurane may be used even in large scale, being economically feasible.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)