Sample records for cusp
from WorldWideScience.org

Sample records 1 - 9 shown.



1

Emprego e avaliação em médio prazo da cúspide de homoenxerto decelularizado na correção da tetralogia de Fallot/ The use and midium-term evaluation of decellularized allograft cusp in the surgical treatment of the tetralogy of Fallot

Mulinari, Leonardo Andrade; Navarro, Fábio Binhara; Pimentel, Gustavo Klug; Miyazaki, Silvia Midori; Binotto, Cristiane Nogueira; Pelissari, Eliana Costa; Miyague, Nelson Itiro; Costa, Francisco Diniz Affonso da
2008-06-01

Resumo em português OBJETIVO: Descrever a técnica de preparo e a evolução ecocardiográfica das cúspides de homoenxerto decelularizado utilizadas em pacientes com tetralogia de Fallot. MÉTODOS: No período de março de 2005 a agosto de 2007, 15 pacientes foram submetidos ao implante deste tipo de enxerto e foram acompanhados clinicamente e com ecocardiograma para avaliar o resultado morfofuncional dos enxertos. RESULTADOS: O acompanhamento médio foi de 12,7 meses (1-25 meses). A análi (mais) se ecocardiográfica em médio prazo revelou: insuficiência pulmonar leve em nove (60%) pacientes, moderada em três (20%) e importante em três (20%); a função sistólica do ventrículo direito esteve preservada em 13 (86,7%) pacientes e com disfunção leve em dois (13,3%); 11 (73,4%) pacientes não apresentaram gradientes na via de saída do ventrículo direito (VD), e em quatro (26,6%) pacientes evidenciou-se a presença de estenose leve; a mobilidade da cúspide foi normal em todos os pacientes; não houve espessamento maior de 1,5mm nas cúspides analisadas; não se detectou nenhuma calcificação nas cúspides. Catorze (93,3%) pacientes apresentaram Z score entre -1 e 0,7 e um (6,7%) paciente apresentou anel pulmonar com Z score de + 2,5. CONCLUSÃO: O retalho de homoenxerto decelularizado parece ser uma boa opção para a ampliação da via de saída do VD nos pacientes submetidos à correção total da tetralogia de Fallot em médio prazo. Resumo em inglês OBJECTIVE: To describe the technique of implantation and to show the echocardiographic follow-up of the decellularized cusps allografts used in patients with tetralogy of Fallot. METHODS: Fifteen patients underwent this implantation between March 2005 and August 2007 and they were clinically followed-up. An echocardiogram was performed to evaluate the morphofunctional result of the allografts. RESULTS: The mean follow-up was 12.7 months (1-25 months). The echocardiography (mais) results showed that pulmonary insufficiency was mild in nine (60%) patients, moderate in three (20%) patients, and severe in three (20%) patients. The results also showed that the systolic right ventricle function was normal in 13 (86.7%) and that there was mild dysfunction in two (13.3%). Eleven (73.4%) patients did not present any gradient in the right ventricular outflow tract and four (26.6%) presented mild stenosis. The mobility of the cusps were normal in all cases and there was no thickness larger than 1,5mm. There was no calcification; 14 patients (93,3%) presented Z score between -1 and 0,7 and one patient presented dilated pulmonary annulus with a Z score of + 2.5. CONCLUSION: In midium-term follow-up, the decellularized allograft seemed to be a good option for right ventricle outflow tract enlargement in patients underwent tetralogy of Fallot.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

2

Estudo comparativo da eficácia do etanol e do ácido L-glutâmico na prevenção da calcificação das cúspides e parede aórtica porcina: estudo experimental em ratos/ Comparative study on the efficacy of ethanol and of l-glutamic acid for preventing calcification of pig cusps and aortic wall: experimental study in rats

ROSA, George Ronald Soncini da; COSTA, Francisco Diniz Affonso da; MESQUITA, Lismari; COSTA, Iseu de Santo Elias Affonso da
2002-06-01

Resumo em português INTRODUÇÃO: As cúspides porcinas tratadas com glutaraldeído (GDA) são um dos tecidos biológicos mais utilizados em biopróteses, porém a calcificação tardia pós-implante constitui a causa predominante de sua falência. OBJETIVO: Analisar comparativamente dois métodos de prevenção da calcificação (etanol 80% e ácido L-glutâmico 0,8%) em cúspide e parede aórtica porcina implantadas no subcutâneo em ratos, tendo como grupo controle as cúspides e os segme (mais) ntos de parede aórtica fixadas em glutaraldeído (GDA), num período de 15, 30 e 60 dias após implante. MATERIAL E MÉTODOS: Foram utilizados 45 ratos jovens, distribuídos em 3 grupos contendo 15 animais cada, que por sua vez foram subdivididos em 3 subgrupos de 5 animais, nos quais foram implantados, em 2 bolsas no subcutâneo, uma cúspide e um segmento de parede aórtica em cada. Em cada grupo assim nominados: GDA (grupo controle), E80% (grupo cujas estruturas foram pré-tratadas com etanol 80%) e o AG 0,8% (grupo cujas estruturas foram pré-tratadas com ácido L-glutâmico 0,8%) foram realizadas a mensuração do cálcio e análise microscópica quanto à presença de calcificação (localização e intensidade da mesma) e de Infiltrado inflamatório (localização e tipo), no período de 15, 30 e 60 dias após implante. RESULTADOS: Na mensuração do cálcio na cúspide aórtica encontrou-se no grupo E80% 15 dias (1,30±0,21 mg cálcio/mg tecido), E80% 30 dias (1,05±0,22 mg cálcio/mg tecido) e E80% 60 dias (0,53±0,42 mg cálcio/mg tecido); no grupo AG 0,8% 15 dias (12,17±0,66 mg cálcio/mg tecido), AG 0,8% 30 dias (15,31±2,82 mg cálcio/mg tecido) e AG 0,8% 60 dias (34,24±16,28 mg cálcio/mg tecido) com o grupo controle GDA 15 dias (12,44±2,26 mg cálcio/mg tecido), GDA 30 dias (13,44±3,34 mg cálcio/mg tecido) e GDA 60 dias (50,85±8,71 mg cálcio/mg tecido). Em relação à mensuração do cálcio na parede aórtica, encontrou-se no grupo de E80% 15 dias (4,62±0,68 mg cálcio/ mg tecido), E80% 30 dias (9,47 ± 2,59mg cálcio/mg tecido) e E80% 60 dias (23,56±7,75 mg cálcio/mg tecido) no grupo de AG 0,8% 15 dias (4,31±0,85 mg cálcio/mg tecido), AG 0,8% 30 dias (7,69±1,48 mg cálcio/mg tecido) e AG 0,8% 60 dias (20,50± 1,22 mg cálcio/mg tecido) com o grupo controle GDA 15 dias (7,34±1,32 mg cálcio/mg tecido), GDA 30 dias (9,28±0,76 mg cálcio/mg tecido) e GDA 60 dias (27,60±1,08 mg cálcio/mg tecido). Na avaliação microscópica da cúspide aórtica houve uma progressiva calcificação naquelas submetidas à fixação com GDA. Este processo foi parcialmente encontrado com o AG 0,8% e totalmente ausente com o E80%. Quanto à avaliação referente aos segmentos da parede aórtica, também evidenciou-se progressiva calcificação, não sendo inibida pelos tratamentos com AG 0,8% e E80%. CONCLUSÕES: O pré-tratamento com etanol a 80% inibiu a calcificação nas cúspides aórticas porcinas, entretanto, não teve a mesma eficácia na parede aórtica. Contudo, o ácido L-glutâmico a 0,8% demonstrou minimizar a calcificação na parede aórtica. Estudos devem ser feitos para evidenciar se a ação anticalcificante do etanol a 80% mantém-se nas biopróteses aórticas porcinas se estas forem implantadas no sistema circulatório. Resumo em inglês INTRODUCTION: The glutataldehyde (GDA) treated pigs cusps are one of most employed tissues in bioprosthesis, but is late post-implant calcification is main cause of its failure. BACKGROUND: This study aims at comparing and analyzing two methods (ethanol 80% and l-glutamic acid 0.8%) to prevent calcification in pig cusps and aortic wall implanted subcutaneously in rats, the cusps and aortic wall segments of the control were in glutaraldehyde (GDA), during a 15, 30 and 60 d (mais) ays period after the implant. MATERIAL AND METHODS: We used 45 young rats, distributed in 3 groups of 15 rats each, which in turn were subdivided in 3 subgroups of 5 rats each, in which we implanted one cusp and one aortic wall segment in 2 subcutaneous pouches for each rat. We called each group as follows: GDA (control group), E80% (the group whose structures were previously prepared with ethanol 80%) and GA 0.8% (group previously prepared with L-glutamic acid 0.8%); in those groups we measured calcium and performed a microscopic analysis seeking for any calcification, its location and intensity; inflammatory infiltrate, location and type, during a 15, 30, and 60-day period after the implant. RESULTS: Calcium was found in the aortic cusp in the E80% group (1.30±0.21 mg calcium/mg tissue) at day 15, (1.05±0.22 mg calcium/mg tissue) at day 30, and (0.53±0.42 mg calcium/mg tissue) at day 60; in the GA 0.8% group (12.17±0.66 mg calcium/mg tissue) at day 15, (15.31±2.82 mg calcium/mg tissue) at day 30, and (34.24±16.28 mg calcium/mg tissue) at day 60; and in the control group, GDA at day 15 (12.44±2.26 mg calcium/mg tissue), at day 30 (13.44±3.34 mg calcium/mg tissue), and at day 60 (50.85±8.71 µg calcium/mg tissue). As for the calcium measured in the aortic wall, in the E80% group we found (4.62±0.68 µg calcium/mg tissue) at day 15, (9.47±2.59 µg calcium/mg tissue) at day 30, and (23.56±7.75 µg calcium/mg tissue) at day 60; in the GA 0.8% group at day 15 (4.31±0.85 µg calcium/mg tissue), at day 30 (7.69±1.48 µg calcium/mg tissue), and at day 60 (20.50±1.22 µg calcium/mg tissue); and in the control group (GDA) at day 15 (7.34±1.32 µg calcium/mg tissue), at day 30 (9.28±0.76 µg calcium/mg tissue), at day 60 (27.60±1.08 µg calcium/mg tissue). Microscopic evaluation of the aortic cusp, showed a progressive calcification in those fixed with GDA. Such process was found partially in the GA 0.8% group, and totally absent in the E80% group. As for the assessment of the aortic wall segments, we also observed progressive calcification, which was not inhibited by the treatment with either GA 0.8% or E80%. CONCLUSIONS: We concluded that a pre-treatment with ethanol at 80% inhibited calcification in pig aortic cusps, however it was not as effective on the aortic wall. However, L-glutamic acid at 0.8% did show that it minimizes calcification in the aortic wall. Further studies are required, to evidence if the anti-calcifying action of ethanol 80% is kept if the pig aortic bioprostheses are implanted in the circulatory system.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

3

Avaliação ecocardiográfica em pacientes submetidos à substituição de cordas tendíneas rotas/ Echocardiographic evaluation of patients submitted to replacement of ruptured chordae tendineae

Leal, João Carlos; Gregori Jr, Francisco; Galina, Luis Eduardo; Thevenard, Rubens S.; Braile, Domingo Marcolino
2007-06-01

Resumo em português OBJETIVO: O objetivo deste estudo é avaliar, ao ecodopplercardiograma (ECO), o funcionamento do aparelho valvar mitral, em pacientes submetidos ao implante de cordas padronizadas de pericárdio bovino (CP de PB) para substituição de cordas tendíneas rotas ou alongadas com grau importante de afilamento. MÉTODO: Foram implantadas CP de PB em 23 pacientes portadores de insuficiência mitral por ruptura das cordas tendíneas ou cordas alongadas com afilamento importante. (mais) A idade variou de 23 a 85 anos (média de 62 anos). A causa mais freqüente foi a degeneração fibroelástica em 20 (87,0%) pacientes. As CP de PB foram confeccionadas em conjunto, unidas em suas extremidades por duas hastes reforçadas com poliéster formando um monobloco. As CP de PB medem dois mm de largura e distam entre si, paralelamente, por três mm. Cada conjunto CP de PB possui um medidor correspondente, variando seu comprimento entre 20 a 35 mm. Em 17 (73,9%) pacientes foram implantadas as CP de PB na cúspide posterior e, em seis (26,1%), na cúspide anterior. Todos os pacientes foram avaliados no pós-operatório pelo ECO, com tempo médio de seguimento de até seis meses. RESULTADOS: O ECO no pós-operatório demonstrou ausência de refluxo em 11 (47,8%) pacientes, refluxo discreto em oito (34,8%) e refluxo discreto/moderado em três (13,0%). A abertura e mobilidade da valva mitral eram normais nos 22 pacientes sobreviventes. CONCLUSÃO: O ECO demonstrou boa funcionalidade do aparelho valvar mitral nos pacientes submetidos ao implante das CP de PB para substituição de cordas tendíneas rotas ou alongadas e afiladas com adequada coaptação das cúspides. Resumo em inglês OBJECTIVE: The objective of this study was to evaluate, using echocardiography, the functioning of the mitral valve apparatus in patients submitted to standardized bovine pericardium chordae implantation to substitute ruptured chordae tendineae or elongated chordae with a significant degree of thinning. METHOD: Standardized bovine pericardium chordae were implanted in 23 patients with mitral valve insufficiency due to ruptured or elongated chordae with significant thinnin (mais) g. The ages of the patients varied from 23 to 84 years old (mean 62 years old). The most common cause was fibroelastic degeneration affecting 20 (87.0%) patients. The standardized bovine pericardium chordae were manufactured in sets connected at both ends by two polyester-reinforced rods thereby forming a single block. The bovine pericardium chordae measure 2 mm wide with 3 mm between the chordae. The sets of bovine pericardium chordae are produced in lengths varying from 20 to 35 mm. In 17 (73.9%) patients bovine pericardium chordae were implanted in the posterior cusp and in 6 (26.1%) in the anterior cusp. All the patients were evaluated in the postoperative period by echocardiography after a mean follow-up of six months. RESULTS: The echocardiography in the postoperative period demonstrated an absence of reflux in 11 (47.8%) patients, slight reflux in 8 (34.8%) and slight to moderate reflux in 3 (13.0%). The opening and mobility of the mitral valve was normal in the 22 surviving patients. CONCLUSION: The echocardiography demonstrated good functioning of the mitral valve apparatus in patients submitted to the implantation of standardized bovine pericardium chordae to substitute ruptured chordae tendineae or elongated chordae with a significant degree of thinning.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

4

Função canino desempenhada pelo pré-molar/ Canine function performed by the premolar

Silva Filho, Omar Gabriel da; Carvalho, Paula Martinelli; Capelozza Filho, Leopoldino; Carvalho, Roberta Martinelli
2006-06-01

Resumo em português A extração do canino permanente suscita indignação de muitos ortodontistas ortodoxos cuja opinião oscila da ambivalência à condenação radical, devido principalmente à crença do perverso déficit funcional resultante, mas também atrelada à preocupação do efeito estético no sorriso. Essa última, sim, preocupação maior do leigo, que vê a Ortodontia principalmente como um exercício estético. Sem trair as convicções certamente legítimas, os objetivos o (mais) clusais de um tratamento ortodôntico visam conciliar estética, função e saúde periodontal, com ou sem caninos. O presente artigo ilustra a possibilidade de trocar o canino pelo primeiro pré-molar num tratamento ortodôntico conduzido com extração de dentes. Essa situação, que enfrenta resistência por parte de ambos, ortodontistas e pacientes, elimina o dente canino sem, no entanto, eliminar a função da cúspide canina na desoclusão lateral, isolada ou em grupo, o que sela harmonia com os conceitos funcionais da escola gnatológica. Resumo em inglês Extraction of the permanent canine surprises many traditional orthodontists who believe that negative functional and unaesthetic results may arise from the procedure. Although esthetics is the major concern of layperson people, the occlusal aims of the orthodontic treatment are esthetics, occlusal function and periodontal health, with or without canines. The current paper describes the possibility of extracting the canine instead of the premolar in an orthodontic treatmen (mais) t with teeth extraction. In such a situation, which is not easily accepted by orthodontists and patients, the canine is eliminated but not its cusp function in lateral mandibular movements, thus maintaining the gnathologic functional concepts.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

5

Insuficiência valvar aórtica por valva quadricúspide/ Quadricuspid aortic valve with aortic regurgitation

SALUM, Marco Antônio; WANDECK, Karina Santos; KALIL, Márcio; OLIVEIRA, Renato N. F.; VIEIRA, Gilberto Lino
2002-03-01

Resumo em português Valva aórtica quadricúspide (VAQ) é uma anomalia rara com incidência entre 0,003% e 0,043%. Pode ser achado ocasional em pacientes assintomáticos, mas, freqüentemente, está associada com regurgitação aórtica. O ecocardiograma é método ideal de determinação e acompanhamento dessa anomalia e suas repercussões. É relatado caso de paciente do sexo masculino, 56 anos, hipertenso, que apresentou dispnéia súbita, tosse seca, sopro diastólico grau III/VI focos (mais) aórtico e aórtico acessório, crepitações pulmonares nas bases, sugerindo insuficiência cardíaca. Ecocardiograma transtorácico mostrou VAQ com regurgitação moderada. Houve melhora com tratamento clínico. Após um ano, novo ecocardiograma revelou regurgitação aórtica importante, hipertensão pulmonar, hipertrofia moderada e dilatação leve de ventrículo esquerdo. Diante da deterioração da fração de ejeção e demais achados ecocardiográficos, indicou-se a troca valvar. A valva nativa apresentava três cúspides de mesmo tamanho e uma pouco menor. O paciente evoluiu com remissão dos sintomas. Insuficiência aórtica por valva quadricúspide geralmente é detectada em adultos; nas crianças a função cardíaca é normal. Defeitos cardíacos associados são raros e incluem defeitos óstio coronário. A anatomia valvar varia com o tamanho das cúspides, sendo que em 60% dos casos a VAQ possui três cúspides de igual tamanho e uma cúspide menor. A definição ecocardiográfica característica de VAQ é a forma de 'X' durante a diástole e abertura livre das cúspides com configuração retangular durante a sístole. Os achados clínicos e anatômicos da valva do paciente descrito condizem com a literatura. Resumo em inglês This article is a case report of a 56 years old man, without known cardiac abnormality, presented signs of cardiac insufficiency. Transthoracic echocardiography revealed a quadricuspid aortic valve (QAV) with a moderated regurgitation. The clinical treatment was initiated with a good evolution. After one year, a new echocardiography revealed huge aortic regurgitation, pulmonary hypertension and lower ejection fraction. After that, the surgery for changing the valve was in (mais) dicated in order to prevent the pathology progression. QAV is a rare pathology (0.003% to 0.043%). Usually is not associated with other cardiovascular pathologies. It can be an incidental finding but in general it carries aortic regurgitation in adulthood due to bad closure of the four cusps. There are different anatomical variations for the aortic valve cusps: four unequal cusps, three equal cusps and one smaller cusp (majority) and up to four equal cusps. Transthoracic and transoesophageal echocardiography can easily asses the morphological and functional status of such a valve.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

6

Utilização do etanol na prevenção da calcificação em heteroenxerto valvar pulmonar porcino: estudo experimental em ovinos/ Use of ethanol in preventing calcification of porcine pulmonary heterograft: experimental study in sheep

Rosa, George Ronald Soncini da; Costa, Francisco Diniz Affonso da; Vilani, Ricardo Guilherme D'Otaviano de Castro; Souza, Felipe Phol de; Reichert, Lorena; Costa, Iseu de Santo Elias Affonso da
2006-09-01

Resumo em português OBJETIVO: Analisar comparativamente o uso do etanol (E) com o glutaraldeído (GDA), como método de inibição da calcificação dos heteroenxertos valvares pulmonares porcinos (HVPP) implantados na via de saída do ventrículo direito (VD) de ovinos jovens. MÉTODO: Foram utilizados dez ovinos jovens, em dois grupos contendo cinco animais cada. A operação consistiu na implantação do HVPP na via de saída do VD com circulação extracorpórea, divididos em dois grupos (mais) ; o grupo do GDA (controle) e o grupo E (grupo em que os HVPP foram pré-tratados com etanol a 80%). Realizou-se estudo ecocardiográfico para medida do gradiente transvalvar pulmonar, análise macroscópica da parede do HVPP e microscópica quanto à presença de calcificação; e mensuração do cálcio na cúspide valvar após 210 dias. RESULTADOS: Na mensuração do cálcio do HVPP encontrou-se no grupo GDA (7,98 ± 6,82µg cálcio/mg tecido), no grupo E (0,31± 0,33µg cálcio/mg tecido). Em relação ao gradiente transvalvar máximo em 30 dias, não houve diferença significativa entre os grupos, já aos 90, 180 e 210 dias, o grupo GDA apresentou maior gradiente transvalvar do que o grupo do etanol. Na análise macroscópica da parede do HVPP, observou-se calcificação em ambos os grupos, sendo mais intensa no grupo do GDA. Na avaliação microscópica das cúspides do HVPP em relação à presença de calcificação, observou-se que no grupo GDA esteve presente em todos os animais, enquanto no grupo E, esteve ausente em todos. CONCLUSÃO: Conclui-se que etanol a 80% inibe a calcificação das cúspides no período analisado, mas não inibe a calcificação da parede do HVPP. Resumo em inglês OBJECTIVE: The objective of this work was to comparatively evaluate the use of ethanol (E) with glutaraldehyde (GDA) to inhibit the calcification of the porcine pulmonary valvar heterografts (PPVH) implanted in the right ventricle outflow tract of young sheep. METHODS: Ten young sheep were used, divided into two similar groups: the GDA (control) Group and the Ethanol Group (in which the PPVH were pre-treated with ethanol-80). The surgery consisted of implanting the PPVH i (mais) n the right ventricle outflow tract using a cardiopulmonary bypass. Echocardiography was performed to measure the transvalvar gradient and macroscopic analyses of the PPVH wall and microscopic analysis for calcification were performed. The amount of calcium was measured in the valve cusp at 210 days. RESULTS: The quantity of calcium in the PPVH of the GDA Group was 7.98 ± 6.82µg calcium/mg tissue and of the E Group it was 0.31± 0.33µg calcium/mg tissue. In respect to the maximum transvalvar gradient at 30 days, there was no significant difference between the groups. At 90, 180 and 210 days however, the GDA Group showed a greater transvalvar gradient than the E Group. The macroscopic analyses of the heterograft wall evidenced calcification in both groups but it was more pronounced in the GDA Group. The microscopic analysis of the cusp valve revealed the presence of calcification in all animals of the GDA Group, while in the E Group no calcification was seen. CONCLUSION: In conclusion ethanol-80 inhibits calcification on the cusps during the period of the analysis but does not inhibit the calcification of the PPVH.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

7

Bruxismo na infância: um sinal de alerta para odontopediatras e pediatras/ Childhood bruxism: a warning sign to pediatric dentists and pediatricians

Diniz, Michele Baffi; Silva, Renata Cristiane da; Zuanon, Angela Cristina C.
2009-09-01

Resumo em português OBJETIVO: Apresentar uma revisão de literatura sobre o bruxismo na infância, abordando os fatores etiológicos, as características clínicas, os sinais e sintomas, a importância do diagnóstico por parte dos pediatras e odontopediatras e o tratamento multidisciplinar desta condição parafuncional. FONTES DE DADOS: Foram selecionados os artigos mais relevantes sobre o tema publicados desde 1907 até 2007, com pesquisa realizada no Medline, na Bibliografia Brasileira d (mais) e Odontologia (BBO) e em livros de Odontologia. SÍNTESE DOS DADOS: O bruxismo é definido como um hábito não funcional do sistema mastigatório, caracterizado pelo ato de ranger ou apertar os dentes, podendo ocorrer durante o dia e durante o sono. A etiologia é multifatorial e a literatura sugere vários fatores associados: dentário, fisiológico, psicológico e neurológico. As forças exercidas pelo bruxismo podem provocar distúrbios em diferentes graus nos dentes e nos tecidos de suporte, na musculatura e na articulação têmporo-mandibular. O sinal mais comum é o desgaste nas faces incisais dos dentes anteriores e oclusais nos posteriores, além de mobilidade e hipersensibilidade dentárias, fratura de cúspides e restaurações e hipertonicidade dos músculos mastigatórios. CONCLUSÃO: O conhecimento dos fatores etiológicos e das características clínicas do bruxismo na infância é fundamental para que o diagnóstico seja precoce, permitindo que pediatras, odontopediatras e psicólogos possam estabelecer um tratamento multidisciplinar e favoreçam o desenvolvimento integral da criança para a promoção de saúde e bem-estar individual. Resumo em inglês OBJECTIVE: To present a review of literature on childhood bruxism, including etiological factors, clinical characteristics, signs and symptoms, the importance of the diagnosis by pediatric dentists and pediatricians and the multidisciplinary management of this parafunctional condition. DATA SOURCE: The most relevant articles published on the subject from 1907 to 2007 were selected, from Medline and Brazilian Bibliography on Odontology databases as well as dentistry books. (mais) DATA SYNTHESIS: Bruxism is defined as a non-functional habit of the stomatognatic system, characterized by the act of grinding or squeezing the teeth, with occurrences during the day or sleep. The etiology is multifactorial with contribution of several factors (dental, physiological, psychological and neurological variables). The forces produced by bruxism can harm the teeth, their supporting tissues, muscles and temporomandibular articulation. Common clinical signs are: attrition on the incisal faces of the anterior teeth and occlusal faces in the posterior teeth, as well as dental hypermobility and hypersensibility, cusp and restoration fracture and muscle hypertonicity. CONCLUSIONS: The knowledge on the etiological factors and the clinical characteristics of childhood bruxism is important to establish early diagnosis and treatment, with a multidisciplinary approach that should include pediatricians, pediatric dentists and psychologists in order to provide adequate infant development focused on health promotion and individual well-being.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

8

Plástica da valva aórtica em pacientes portadores de insuficiência aórtica: resultados imediatos e tardios/ Valvuloplasty for aortic insufficiency: immediate and late result

Neves Júnior, Marcondes T; Pomerantzeff, Pablo M. A; Brandão, Carlos M. A; Grinberg, Max; Barbero-Marcial, Miguel; Stolf, Noedir A. G; Verginelli, Geraldo; Jatene, Adib D
1996-09-01

Resumo em português No período de agosto de 1980 a maio de 1995, foram estudados 31 pacientes que apresentavam insuficiência aórtica e que foram submetidos à plástica da valva aórtica (P V A). Dezoito (58,06%) pacientes eram do sexo masculino e 13 (42,94%) do sexo feminino. A média de idades foi de 20.9 +/- 18,3, com a idade variando de 2 a 68 anos. A etiologia das lesões foi congênita em 21 (67,65%) pacientes, reumática em 6 (19,35%), degenerativa em 3 (9,67%) e endocardite infecc (mais) iosa em 1 (3,25%). O tipo de plástica realizada foi: plicatura junto às comissuras com fixação na parte externa da aorta em 10 pacientes, plicatura junto às comissuras com fixação interna das vávulas em 10, anuloplastia parcial em 4, plicatura valvular central em 5 e correção valvular com placa de pericárdio bovino em 2. As principais operações associadas foram: ventriculosseptoplastia em 14 e plástica de valva mitral em 7 pacientes. O tempo médio de pinçamento aórtico foi de 70,53 minutos. O tempo médio de circulação extracorpórea (CEC) foi de 96,43 minutos. Não houve mortalidade operatória. Um paciente foi submetido a nova plástica no mesmo ato operatório para a correção de insuficiência aórtica residual. Um paciente faleceu após 19 meses de insuficiência cardíaca. Vinte e cinco (80,6%) apresentam-se em classe funcional I (N Y H A) no pós-operatório tardio. Podemos concluir que os pacientes submetidos à P V A apresentaram baixo risco e boa evolução tardia. Resumo em inglês Between August 1980 and May 1995 we studied 31 patients who underwent aortic valvuloplasty for aortic insufficiency. Eighteen (58.06%) were male and 13 (42.94%) female. The age ranged from 2 to 68 years (avarage 20.9 +/- 18.3). The ethiology was congenital in 21 (67.65%), rheumatic in 6 (19.35%), degenerative in 3 (9.67%) and infective endocarditis in 1 (3.25%). The type of valvuloplasty performed were: anuloplasty with external fixation of the cusp in 10, anuloplasty wit (mais) h internal fixation of the cusp in 10, partial anuloplasty in 4, triangular resection of prolapsed cusp in 5 and correction with a patch of bovine pericardium in 2 patients. The most frequent associated surgery was ventriculosseptoplasty in 14. The mean time of cardiopulmonary bypass and aortic crossclamp was 96.43 and 70.53 min, respectively. We didn't have operatory death. One patient was submitted to a new valvuloplasty in the intra-operative period because of a residual insufficiency. We observed one death in the follow-up due to a cardiac insufficiency nineteen months after surgery. Twenty five (80.6%) patients are in functional class (N Y H A) in the follow-up. We concluded that patients who underwent aortic valvuloplasty for aortic insufficiency had low surgical risk and good outcome.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

9

A influência do protocolo de extração de dois pré-molares superiores na estabilidade oclusal do tratamento da Classe II/ Influence of the extraction protocol of two maxillary premolars on the occlusal stability of Class II treatment

Camardella, Leonardo Tavares; Janson, Guilherme; Araki, Janine Della Valle; Freitas, Marcos Roberto de; Pinzan, Arnaldo
2010-08-01

Resumo em português OBJETIVO: com o propósito de avaliar a influência da extração de dois pré-molares superiores na estabilidade oclusal do tratamento da má oclusão de Classe II completa, foi realizada uma comparação com o protocolo de tratamento sem extrações. MÉTODOS: selecionou-se, a partir das documentações do arquivo da Disciplina de Ortodontia da Faculdade de Odontologia de Bauru, uma amostra composta pelas documentações de 59 pacientes com má oclusão de Classe II com (mais) pleta. Em seguida, dividiu-se essa amostra em dois grupos, apresentando as seguintes características: Grupo 1, constituído por 29 pacientes, tratados sem extrações; e Grupo 2, composto por 30 pacientes, tratados com extrações de dois pré-molares superiores. Os modelos ao início do tratamento, ao final do tratamento e em um período mínimo de 2,4 anos após o tratamento foram medidos e avaliados por meio dos índices oclusais IPT e PAR. As condições oclusais ao final do tratamento e no estágio pós-tratamento, o percentual de recidiva e as alterações oclusais pós-tratamento foram comparados por meio do teste t. RESULTADOS: os resultados demonstraram que os protocolos de tratamento sem extração e com extrações de dois pré-molares superiores não apresentaram, em nenhuma das variáveis avaliadas, diferenças estatisticamente significativas em relação à estabilidade oclusal do tratamento da má oclusão de Classe II completa. CONCLUSÃO: a extração de dois pré-molares superiores no tratamento da má oclusão de Classe II completa não influenciou a estabilidade dos resultados oclusais alcançados ao final da correção ortodôntica. Portanto, terminar o tratamento com uma relação molar em Classe II ou em Classe I proporciona estabilidade semelhante. Resumo em inglês OBJECTIVE: With the purpose of evaluating the influence of two upper premolar extraction on the occlusal stability of full cusp Class II malocclusion treatment, a comparison was performed with a non-extraction treatment protocol. METHODS: To this end, a sample consisting of 59 patients with complete Class II malocclusion was selected from the files of the Department of Orthodontics of the Dental School of Bauru. This sample was split into two groups according to the follo (mais) wing characteristics: Group 1 included 29 patients treated without extractions and Group 2 included 30 patients treated with the extraction of two upper premolars. Using the TPI and PAR occlusal indices the subjects' study models were evaluated at the beginning and end of treatment, and at a minimum of 2.4 years after treatment. The occlusal conditions at the end of treatment and in the post-treatment period, the percentage of relapse and post-treatment occlusal changes were compared using Student's t-test. RESULTS: The results showed no statistically significant differences between the nonextraction and the extraction of two maxillary premolars treatment protocols in terms of the occlusal stability of complete Class II malocclusion treatment in any of the evaluated variables. CONCLUSIONS: The extraction of two upper premolars in the treatment of Class II malocclusion did not influence the stability of the occlusal results achieved at the end of the orthodontic treatment. Therefore, a similar stability is achieved by finishing a treatment with either a Class II or a Class I molar relationship.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)