Sample records for creatinine
from WorldWideScience.org

Sample records 1 - 20 shown. Select sample records:



1

Uso da creatinina como indicador da excreção urinária em ovinos/ Creatinine use as an indicator of urinary excretion in ovines

Kozloski, Gilberto Vilmar; Fiorentini, Giovani; Härter, Carla Joice; Sanchez, Luis Maria Bonnecarrère
2005-02-01

Resumo em português Este estudo foi conduzido para determinar a excreção diária de creatinina e verificar o potencial de seu uso como indicador da produção urinária em ovinos. A medida da excreção urinária total de creatinina foi feita com base em dados e em amostras obtidas de quatro experimentos de digestibilidade conduzidos previamente com ovinos mantidos em gaiolas metabólicas. Em todos os experimentos, foi feita a coleta diária total de urina durante cinco dias em cada perío (mais) do experimental. Adicionalmente, em um dos experimentos, foram coletadas amostras de urina dos animais de duas em duas horas durante um período de 24 horas. A excreção total de creatinina (média de 660mg dia-1) foi diferente entre experimentos (P0,05). Por sua vez, a concentração de creatinina na urina foi diferente entre os experimentos (P Resumo em inglês This study was carried out to evaluate the use of creatinine as an indicator of urinary production in sheep. Total creatinine urinary excretion was determined based on data and samples collected from four digestibility experiments previously conducted with lambs maintained in metabolic cages. In all experiments total urinary production was collected during five days in each animal and experimental period. Additionally, in one experiment, urine samples were taken at interv (mais) als of two hours during a 24 hours period. Total excretion of creatinine (mean of 660mg day-1) was different among experiments (P0.05). In the other hand, the urinary concentration of creatinine was different among experiments (P

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

2

Excreção de creatinina no período de vinte e quatro horas, em crianças de cinco a onze anos de idade/ Creatinin excretion during the period of twenty-four hours in children from five to eleven years old

Martins, Ignez Salas
1974-03-01

Resumo em português Estudou-se o modo de excreção da creatinina em um período de 24 horas em crianças de 5 a 11 anos. Dentro desse período a excreção de creatinina foi constante, não apresentando rítmo circadiano. Resumo em inglês It was studied the creatinine excretion over a period of twenty four hours in children from five to eleven years of age. During this period the creatinine excretion was constant and without circadian rhythm.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

3

Excreção de creatinina no período de vinte e quatro horas, em crianças de cinco a onze anos de idade/ Creatinin excretion during the period of twenty-four hours in children from five to eleven years old

Martins, Ignez Salas
1974-03-01

Resumo em português Estudou-se o modo de excreção da creatinina em um período de 24 horas em crianças de 5 a 11 anos. Dentro desse período a excreção de creatinina foi constante, não apresentando rítmo circadiano. Resumo em inglês It was studied the creatinine excretion over a period of twenty four hours in children from five to eleven years of age. During this period the creatinine excretion was constant and without circadian rhythm.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

4

Níveis séricos de creatinina: hipercreatininemia em segmento da população adulta de Salvador, Brasil/ Serum creatinine levels: hypercreatinemia in a segment of the adult population of Salvador, Brazil

Lessa, Ines
2004-06-01

Resumo em português A prevalência da doença renal crônica (DRC) vem aumentando, seu impacto social é importante e a creatinina um dos seus marcadores. OBJETIVO: Estimar a prevalência da hipercreatininemia em segmento da população adulta de Salvador, explorar a sua associação com fatores de risco cardiovascular e delinear os grupos de maior risco para a DRC. METODOLOGIA: Foram entrevistados em domicílio 2.298 adultos a partir dos 20 anos de idade, sendo 1.439 analisados nesse estudo (mais) . Foram efetuadas medidas da pressão arterial, antropométricas e realizados exames bioquímicos. Creatinina sérica =1.3mg/dl foi considerada anormal para ambos os sexos. A análise foi exploratória, incluindo análise bivariada e regressão logística múltipla. RESULTADOS: foram observados: prevalência de hipercreatininemia de 3,1%, (5,2% nos homens e 1,6% nas mulheres), maiores prevalências em idades a partir dos 60 anos, com 12,9%, IC 95% (4,3; 20,3) em homens e 7,9%, IC 95% (3,0; 12,8) em mulheres. Os OR ajustados foram significantes para homens, para idosos, negros em relação aos pardos, hipertensos e história passada de acidente vascular cerebral. Associações positivas não significantes foram observadas para diabetes e história familiar de DRC. Isoladamente, a hipercreatininemia só ocorreu em homens, 2,6%. CONCLUSÃO: Na atualidade, os inquéritos sobre prevalência de hipercreatininemia na população são desnecessários, embora seja altamente recomendada a triagem para hipercreatininemia nos grupos de alto risco para a DRC na prática médica de rotina. Resumo em inglês The prevalence of chronic kidney disease (CKD) has been increasing, its social impact is great and creatinine is one of its markers. OBJECTIVE: To estimate the prevalence of hypercreatinemia in a segment of the adult population of Salvador in order to investigate its association with cardiovascular risk factors, and to identify the groups at greatest risk of developing CKD. METHODS: A home interview was carried out in a sample of 2,298 individuals 20 years of age and over (mais) and a segment of 1,439 was tested for elevated serum creatinine. Blood pressure and anthropometric measurements were taken. Serum creatinine levels =1.3mg/dl were considered abnormal for either sex. Exploratory analysis included bivariate analysis and multiple logistic regression. RESULTS: The total prevalence of hypercreatinemia was 3.1% (5.2% in men and 1.6% in women). In patients 60 years of age and older, prevalence was 12.9%, 95% CI (4.3; 20.3) in men and 7.9%, 95% CI (3.0; 12.8) in women. Adjusted OR were found to be significant for the elderly, Afro-Brazilians, hypertensive patients and those with a past history of stroke. Non-significant associations were found for diabetes and family history of CKD. Isolated hypercreatininemia occurred in 2.6% of men, 95% CI (1.9; 3.1). CONCLUSION: At the present time, population surveys of hypercreatininemia are unnecessary, although serum creatinine screening should be strongly recommended within routine medical practice for individuals at higher risk for developing CKD.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

5

Níveis séricos de creatinina: hipercreatininemia em segmento da população adulta de Salvador, Brasil/ Serum creatinine levels: hypercreatinemia in a segment of the adult population of Salvador, Brazil

Lessa, Ines
2004-06-01

Resumo em português A prevalência da doença renal crônica (DRC) vem aumentando, seu impacto social é importante e a creatinina um dos seus marcadores. OBJETIVO: Estimar a prevalência da hipercreatininemia em segmento da população adulta de Salvador, explorar a sua associação com fatores de risco cardiovascular e delinear os grupos de maior risco para a DRC. METODOLOGIA: Foram entrevistados em domicílio 2.298 adultos a partir dos 20 anos de idade, sendo 1.439 analisados nesse estudo (mais) . Foram efetuadas medidas da pressão arterial, antropométricas e realizados exames bioquímicos. Creatinina sérica =1.3mg/dl foi considerada anormal para ambos os sexos. A análise foi exploratória, incluindo análise bivariada e regressão logística múltipla. RESULTADOS: foram observados: prevalência de hipercreatininemia de 3,1%, (5,2% nos homens e 1,6% nas mulheres), maiores prevalências em idades a partir dos 60 anos, com 12,9%, IC 95% (4,3; 20,3) em homens e 7,9%, IC 95% (3,0; 12,8) em mulheres. Os OR ajustados foram significantes para homens, para idosos, negros em relação aos pardos, hipertensos e história passada de acidente vascular cerebral. Associações positivas não significantes foram observadas para diabetes e história familiar de DRC. Isoladamente, a hipercreatininemia só ocorreu em homens, 2,6%. CONCLUSÃO: Na atualidade, os inquéritos sobre prevalência de hipercreatininemia na população são desnecessários, embora seja altamente recomendada a triagem para hipercreatininemia nos grupos de alto risco para a DRC na prática médica de rotina. Resumo em inglês The prevalence of chronic kidney disease (CKD) has been increasing, its social impact is great and creatinine is one of its markers. OBJECTIVE: To estimate the prevalence of hypercreatinemia in a segment of the adult population of Salvador in order to investigate its association with cardiovascular risk factors, and to identify the groups at greatest risk of developing CKD. METHODS: A home interview was carried out in a sample of 2,298 individuals 20 years of age and over (mais) and a segment of 1,439 was tested for elevated serum creatinine. Blood pressure and anthropometric measurements were taken. Serum creatinine levels =1.3mg/dl were considered abnormal for either sex. Exploratory analysis included bivariate analysis and multiple logistic regression. RESULTS: The total prevalence of hypercreatinemia was 3.1% (5.2% in men and 1.6% in women). In patients 60 years of age and older, prevalence was 12.9%, 95% CI (4.3; 20.3) in men and 7.9%, 95% CI (3.0; 12.8) in women. Adjusted OR were found to be significant for the elderly, Afro-Brazilians, hypertensive patients and those with a past history of stroke. Non-significant associations were found for diabetes and family history of CKD. Isolated hypercreatininemia occurred in 2.6% of men, 95% CI (1.9; 3.1). CONCLUSION: At the present time, population surveys of hypercreatininemia are unnecessary, although serum creatinine screening should be strongly recommended within routine medical practice for individuals at higher risk for developing CKD.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

6

Determinação simultânea de creatinina e indicadores biológicos de exposição ao tolueno, estireno e xilenos em urina por cromatografia líquida de alta eficiência/ Simultaneous determination of creatinine and biological indicators of exposure to toluene, styrene and xylenes in urine by high performance liquid chromatography

Antunes, Marina Venzon; Patuzzi, Ana Luiza Marques; Linden, Rafael
2008-01-01

Resumo em inglês A simple liquid chromatographic method for the simultaneous determination of creatinine, hippuric acid, mandelic acid, phenylglyoxylic acid and o, m and p-methylhippuric acids was developed and validated. Sample preparation was only dilution with water (1:10), followed by centrifugation. Analysis was performed in a reversed phase column (Lichrospher RP 8ec), 250 x 4.0 mm, with isocratic elution with phosphate buffer pH 2.3 and acetonitrile (90:10, v/v). The method present (mais) s adequate linearity, precision and accuracy and allows the simultaneous determination of the biomarkers of exposure to toluene, xylene and styrene together with creatinine, reducing cost and laboratory time.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

7

Razão nitrogênio ureico/creatinina (N U/C) em indivíduos de famílias que apresentaram consumo satisfatório e insatisfatório de proteínas/ Ureic nitrogen/creatinine ratio in individuals with adequate and inadequate protein consumption

Martins, Ignez Salas
1972-06-01

Resumo em português A razão nitrogênio ureico/creatinina (N u/c) foi medida em indivíduos de ambos os sexos nos grupos de 3 a 10 anos, 11 a 15 anos e acima de 15 anos de idade, em uma amostra das populações das comunidades de Vila de Icapara, Pontal do Ribeira e diaristas de Iguape, localizadas no litoral sul de São Paulo, no Vale do Ribeira. Foi calculada a adequação do consumo de proteínas entre as famílias, através dos resultados de um inquérito alimentar feito pelo método da (mais) s pesagens. Partiu-se da hipótese de que haveria maior proporção de indivíduos com a razão N u/c maior ou igual a 5 nas famílias que apresentaram consumo proteico maior ou igual a 80,0% de adequação; através do teste chi2; 0,05, obteve-se uma associação entre a adequação do consumo de proteínas nas famílias e a razão N u/c nos indivíduos das respectivas famílias. Resumo em inglês A study of ureic nitrogen/creatinine ratio in individuals of both sexes from 3 to 10 years, 11 to 15 years and over 15 years age groups, was carried out on a sample of coastal populations from Vila de Icapara, Pontal do Ribeira and the city of Iguape, all of them located in the south of the State of S. Paulo, Brazil. Adequate protein consumption of each family was calculated from the results of a nutrition survey using weighing procedure. Applying the chi2 test chi2; 0,05 a correlation of adequate family consumption and ureic nitrogen/creatinine ratio was encountered.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

8

Razão nitrogênio ureico/creatinina (N U/C) em indivíduos de famílias que apresentaram consumo satisfatório e insatisfatório de proteínas/ Ureic nitrogen/creatinine ratio in individuals with adequate and inadequate protein consumption

Martins, Ignez Salas
1972-06-01

Resumo em português A razão nitrogênio ureico/creatinina (N u/c) foi medida em indivíduos de ambos os sexos nos grupos de 3 a 10 anos, 11 a 15 anos e acima de 15 anos de idade, em uma amostra das populações das comunidades de Vila de Icapara, Pontal do Ribeira e diaristas de Iguape, localizadas no litoral sul de São Paulo, no Vale do Ribeira. Foi calculada a adequação do consumo de proteínas entre as famílias, através dos resultados de um inquérito alimentar feito pelo método da (mais) s pesagens. Partiu-se da hipótese de que haveria maior proporção de indivíduos com a razão N u/c maior ou igual a 5 nas famílias que apresentaram consumo proteico maior ou igual a 80,0% de adequação; através do teste chi2; 0,05, obteve-se uma associação entre a adequação do consumo de proteínas nas famílias e a razão N u/c nos indivíduos das respectivas famílias. Resumo em inglês A study of ureic nitrogen/creatinine ratio in individuals of both sexes from 3 to 10 years, 11 to 15 years and over 15 years age groups, was carried out on a sample of coastal populations from Vila de Icapara, Pontal do Ribeira and the city of Iguape, all of them located in the south of the State of S. Paulo, Brazil. Adequate protein consumption of each family was calculated from the results of a nutrition survey using weighing procedure. Applying the chi2 test chi2; 0,05 a correlation of adequate family consumption and ureic nitrogen/creatinine ratio was encountered.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

9

Comportamento das concentrações séricas e urinárias de creatinina e uréia ao longo de uma periodização desenvolvida em futebolistas profissionais: relações com a taxa de filtração glomerular/ Behavior of the creatinine and urea seric and urinary concentrations during a periodization developed in professional soccer players: relations with the glomerular filtration rate/ Comportamiento de las concentraciones séricas y urinarias de creatinina y urea a lo largo de una periodicidad desarrollada en futbolistas profesionales: relaciones con la tasa de filtración glomerular

Silva, Adelino Sanchez Ramos da; Santhiago, Vanessa; Papoti, Marcelo; Gobatto, Claudio Alexandre
2006-12-01

Resumo em português As determinações de creatinina e uréia têm sido utilizadas para avaliar o impacto do treinamento físico. Portanto, o principal objetivo do presente estudo foi verificar o comportamento das concentrações séricas e urinárias de creatinina e uréia em futebolistas profissionais ao longo de uma periodização. Participaram do estudo 18 jogadores de futebol que foram avaliados no início (T1), meio (T2) e fim (T3) de uma periodização específica. Os atletas foram su (mais) bmetidos às avaliações antropométrica e de determinação da capacidade aeróbia e da eficiência do metabolismo anaeróbio alático. As concentrações de creatinina e uréia dos atletas foram mensuradas no soro e na urina, além da taxa de filtração glomerular (TFG), determinada por três métodos distintos, sendo um independente e dois dependentes do volume urinário. A análise das respostas das variáveis em T1, T2 e T3 foi realizada por Anova one-way, seguida de post hoc de Newman-Keuls, assim como foi aplicado teste de correlação de Pearson. Para todos os casos o nível de significância prefixado foi de 5%. Houve melhora nos parâmetros aeróbio (p Resumo em espanhol Las respuestas de urea y creatinina han sido extensamente usadas para evaluar el impacto del entrenamiento físico. De ahí que el propósito de nuestro estudio ha sido el de investigar el comportamiento del suero y la creatinina urinaria y las concentraciones de urea durante el entrenamiento de fútbol. Fueron evaluados 18 jugadores brasileños de fútbol al inicio (T1), a la mitad (T2) y en el final (T3) de un programa de entrenamiento de fútbol. En los atletas se midi (mais) eron la eficiencia de sus características antropométricas, capacidad aeróbica y metabolismo anaeróbico alatico. Sumadas a las medidas de suero y creatinina urinaria y concentraciones de urea, también se evaluó en los atletas la eliminación de creatinina mediante tres métodos diferentes. Mientras que el primer método fue independiente del volumen urinario, los otros fueron dependientes. Para verificar las respuestas y la correlación de datos en el programa de entrenamiento de fútbol se utilizó el test de ANOVA (one-way), seguido del coeficiente de Newman-Keuls y Pearson, producto-momento y escogimos un nivel de significancia de 5%. El programa de entrenamiento de fútbol midió un incremento en el desempeño aeróbico (p Resumo em inglês The creatinine and urea responses have been extensively used to evaluate the physical training impact. Therefore, the purpose of this study was to investigate the behavior of serum and urinary creatinine and urea concentrations during a soccer training program. Eighteen Brazilian soccer players were evaluated at the beginning (T1), in the middle (T2) and at the end (T3) of a soccer training program. The athletes had their anthropometric characteristics, aerobic capacity a (mais) nd alactic anaerobic metabolism efficiency assessed. Besides the measurement of serum and urinary creatinine and urea concentrations, the athletes had their creatinine clearance evaluated by three different methods. While the first method was independent from the urinary volume, the others were dependent. Anova one-way test followed by Newman-Keuls and Pearson product-moment coefficient were used to verify the responses and correlations of the data to the soccer training program. A significance level of 5% was chosen. The soccer training program led to an increase in aerobic (p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

10

Relação entre excreção de creatinina e dieta, atividade física e volume urinário, em crianças de 5 -| 12 anos de idade/ Relationship between creatinine excretion, diet, physical activity and urinary volume in children 5 to 12 years of age

Martins, Ignez Salas
1975-09-01

Resumo em português Foi feito um estudo da excreção da creatinina e sua relação com a dieta, atividade física e volume urinário em indivíduos entre 5 -| 12 anos de idade, mantendo suas condições habituais de vida. A análise qualitativa da dieta mostrou que a possibilidade de ingestão de creatina e creatinina ocorreu na hora do almoço. No que se refere à atividade física, o período da manhã e o noturno foram de relativo repouso, concentrando-se as atividades físicas no perío (mais) do da tarde. Não houve diferença, estatisticamente, significante entre a excreção média de creatinina dos períodos da manhã e da tarde e também entre a excreção média dos períodos diurno e noturno, sugerindo, conseqüentemente, uma não relação entre dieta, atividade física e excreção de creatinina. Houve uma diferença estatisticamente significante entre o volume médio urinário do período diurno e o do período noturno, sugerindo com isso uma independência entre ele e a creatinina excretada. Encontrou-se, entretanto, uma correlação significante entre ambos que, possivelmente esteja ligada ao fato das amostras terem sido colhidas em épocas de frio intenso, em que os indivíduos ingerem pouco líquido, e conseqüentemente a urina estivesse com uma concentração elevada de seus diferentes constituintes. Resumo em inglês A study on the relationship between creatinine excretion and diet, physical activity and urinary volume was carried out on children from 5 to 12 years of age, observing usual life conditions. Qualitative analysis of diet revealed that possibly ingestion of creatine and creatinine ocurred with the noon meal. Regarding physical activity the data showed that the peak of activity occurred in the afternoon. The differences between average excretion of creatine corresponding to (mais) morning and afternoon periods were not statistically significant, the same being observed when diurnal and nocturnal averages of excretion were considered. On the other hand, the average volumes corresponding to diurnal and nocturnal periods revealed a significant difference, which suggests independence between creatinine excretion and urinary volume. However data show a positive significant correlation between creatinine excretion and urinary volume when individual results were considered.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

11

Relação entre excreção de creatinina e dieta, atividade física e volume urinário, em crianças de 5 -| 12 anos de idade/ Relationship between creatinine excretion, diet, physical activity and urinary volume in children 5 to 12 years of age

Martins, Ignez Salas
1975-09-01

Resumo em português Foi feito um estudo da excreção da creatinina e sua relação com a dieta, atividade física e volume urinário em indivíduos entre 5 -| 12 anos de idade, mantendo suas condições habituais de vida. A análise qualitativa da dieta mostrou que a possibilidade de ingestão de creatina e creatinina ocorreu na hora do almoço. No que se refere à atividade física, o período da manhã e o noturno foram de relativo repouso, concentrando-se as atividades físicas no perío (mais) do da tarde. Não houve diferença, estatisticamente, significante entre a excreção média de creatinina dos períodos da manhã e da tarde e também entre a excreção média dos períodos diurno e noturno, sugerindo, conseqüentemente, uma não relação entre dieta, atividade física e excreção de creatinina. Houve uma diferença estatisticamente significante entre o volume médio urinário do período diurno e o do período noturno, sugerindo com isso uma independência entre ele e a creatinina excretada. Encontrou-se, entretanto, uma correlação significante entre ambos que, possivelmente esteja ligada ao fato das amostras terem sido colhidas em épocas de frio intenso, em que os indivíduos ingerem pouco líquido, e conseqüentemente a urina estivesse com uma concentração elevada de seus diferentes constituintes. Resumo em inglês A study on the relationship between creatinine excretion and diet, physical activity and urinary volume was carried out on children from 5 to 12 years of age, observing usual life conditions. Qualitative analysis of diet revealed that possibly ingestion of creatine and creatinine ocurred with the noon meal. Regarding physical activity the data showed that the peak of activity occurred in the afternoon. The differences between average excretion of creatine corresponding to (mais) morning and afternoon periods were not statistically significant, the same being observed when diurnal and nocturnal averages of excretion were considered. On the other hand, the average volumes corresponding to diurnal and nocturnal periods revealed a significant difference, which suggests independence between creatinine excretion and urinary volume. However data show a positive significant correlation between creatinine excretion and urinary volume when individual results were considered.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

12

Níveis séricos de uréia e creatinina em cães com leptospirose aguda determinada por amostras do sorogrupo Icterohaemorrhagiae/ Blood urea nitrogen and creatinine levels in dogs with acute leptospirosis determined by Icterohaemorrhagiae serogroup

Freire, Isabel Maria Alexandre; Varges, Renato; Lilenbaum, Walter
2008-08-01

Resumo em português Foram testadas 120 amostras séricas de cães com títulos (³100) perante Icterohaemorrhagiae para a determinação dos níveis séricos de uréia e de creatinina. Os animais com títulos ³800 apresentaram dosagens de uréia bastante superiores aos valores de referência e os com títulos ³200 e £400 apresentaram valores de uréia significativamente men (mais) ores (P³800 apresentaram dosagens acima do padrão normal. Observou-se uma clara correlação entre dano renal e a sororreatividade específica para leptospirose. Resumo em inglês One hundred and twenty serum samples from dogs with specific titres (³100) against Leptospira sp. serovar Icterohaemorrhagiae for the dosage of blood urea nitrogen (BUN) and creatinine levels were tested. Animals presenting titres ³800 showed BUN levels higher than reference values while samples with titres ³200 and £400 presented BUN levels significant (mais) ly lower (P³800 showed dosages higher than the reference values. A correlation between renal damage and specific seroreactivity for leptospirosis was demonstrated.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

13

Utilização da relação albumina/creatinina no diagnóstico de microalbuminúria/ Diagnostic value of the albumin/creatinine ratio in detecting microalbuminuria

Bottini, Paula Virgínia; Afaz, Suzy Helena; Silveira, Sidnei; Garlipp, Célia Regina
2005-04-01

Resumo em português INTRODUÇÃO: A análise de diversos componentes urinários apresenta ampla variação biológica. A fim de se reduzir o impacto desta variabilidade na determinação de microalbuminúria, têm-se utilizado amostras de urina de 24 horas ou de repouso, o que acarreta uma série de inconvenientes e dificuldades para o paciente. OBJETIVO: Avaliar o desempenho da relação albumina/creatinina em amostras isoladas de urina (MALBCREA) e compará-la com a excreção urinária de (mais) albumina (EUA). MATERIAL E MÉTODOS: Foram analisadas amostras de urina (repouso e isolada) de 97 pacientes. A determinação da albumina urinária foi realizada por nefelometria (BNII - Dade). Creatinina urinária foi dosada através da reação de Jaffé modificada (Hitachi 917 - Roche). A análise da regressão foi utilizada para avaliar a correlação entre os resultados obtidos. O desempenho da relação MALBCREA no diagnóstico de microalbuminúria foi calculado considerando-se o nível de decisão de 30mg/g. RESULTADOS: Entre os pacientes estudados, 33 apresentavam EUA alterada (> 20µg/min). A relação MALBCREA em amostras de urina apresentou correlação altamente significativa com a EUA em amostras de repouso (r = 0,902; p Resumo em inglês INTRODUCTION: Urine analysis is affected by the great biological variability for most analytes. Microalbuminuria determination usually requires an overnight or 24-hour urine collection, which can be inconvenient because of its heavy dependence on patient compliance and is frequently unreliable because of errors in collecting the required urine sample. OBJECTIVE: In this study, we compared the albumin urinary excretion in overnight urine collection and random samples. MATE (mais) RIALS AND METHODS: Ninety-seven patients were evaluated; overnight and second morning samples were analyzed. Urinary albumin and creatinine concentrations were determined by nephelometry (BNII - Dade) and by modified Jaffé method (Hitachi 917 - Roche), respectively. Simple linear regression (least square method) was used to evaluate the correlation between both methods. The accuracy of the albumin to creatinine ratio (ACR) was assessed considering the decision level of 30mg/g. RESULTS: 33 patients had abnormal urinary albumin excretion (UAE > 20µg/min). There was a significant correlation between UAE and ACR (r = 0.902, p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

14

Variações diárias nas excreções de creatinina e derivados de purinas em novilhas/ Daily variation in the urinary excretion of creatinine and purine derivatives in heifers

Leal, Thalita Lázaro; Valadares, Rilene Ferreira Diniz; Valadares Filho, Sebastião de Campos; Campos, José Maurício de Souza; Detmann, Edenio; Barbosa, Analívia Martins; Teixeira, Rafael Monteiro Araújo; Marcondes, Marcos Inácio
2007-08-01

Resumo em português Objetivou-se avaliar as variações nas excreções diárias de creatinina e de uréia na urina utilizando coletas durante seis dias consecutivos em novilhas de origem leiteira; avaliou-se também o efeito da duração do período de coleta sobre a estimativa da produção microbiana obtida a partir dos derivados de purinas na urina. Utilizaram-se onze novilhas de grau de sangue predominantemente Holandês, com 287 ± 49 kg, considerando o grupo de animais como amos (mais) tra aleatória simples da população. Para comparação entre dias de coletas, empregou-se análise de variância como ferramenta para isolamento do erro puro, adotando-se modelo constituído pelo efeito aleatório de animal e pelo efeito fixo de dia de avaliação. O volumoso foi constituído de silagem de milho fornecida à vontade. Diariamente, foram fornecidos 2,0 kg de concentrado por animal. O período experimental teve duração de seis dias, pois os animais já estavam adaptados à dieta. As coletas de urina foram realizadas utilizando-se sondas de Folley nº 22 ou 26, sendo determinado o volume urinário diário. As excreções urinárias de creatinina, uréia, alantoína, ácido úrico e derivados de purinas totais não foram afetadas pelos dias de coleta de urina. Do mesmo modo, a quantidade estimada de proteína microbiana não diferiu entre os dias de coleta de urina. O valor médio para a excreção de creatinina foi de 30,5 mg/kgPV, 124,84 mg/kg0,75 ou 1,1 mmol/kg0,75. A ausência de efeito de número de dias sobre a excreção de creatinina tem grande aplicação prática, pois, além de reduzir o trabalho com tempos longos de coleta, permite a redução dos custos da pesquisa, podendo ser recomendadas coletas de urina com duração de 24 horas. Resumo em inglês The objective of this trial was to investigate the daily variation in the urinary excretions of creatinine and nitrogen compounds in dairy heifers. It was also of particular interest to determine whether or not estimation of microbial protein synthesis is affected by the number of urinary sampling days. Eleven dairy Holstein heifers averaging 287 ± 49 kg of body weight (BW) in the beginning of the trial were used. Samples of urine were collected during six consecut (mais) ive days using N. 22 or 26 Folley catheters. Number of sampling days was compared by analysis of variance. The model included animal as random and sampling day as fixed effects. Animals were fed corn silage "ad libitum" plus 2 kg of concentrate. Urinary excretions of creatinine, urea, allantoin, uric acid, and total purine derivatives and estimation of microbial protein synthesis were not affected by the number of urinary sampling days. Excretion of creatinine in urine averaged 30.5 mg/kg BW, 124.84 mg/kg0.75 or 1.1 mmol/kg0.75. It can be concluded that no more than 24 h (one sampling day) of urine collection was required to accurate determine excretion of nitrogenous compounds, which has important practical applications due to labor and costs reductions.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

15

Variações diárias nas excreções de creatinina e derivados de purinas em novilhos/ Daily variation in the excretion of creatinine and purine derivatives in steers

Leal, Thalita Lázaro; Valadares, Rilene Ferreira Diniz; Valadares Filho, Sebastião de Campos; Leão, Maria Ignês; Detmann, Edenio; Barbosa, Analívia Martins; Chizzotti, Mário Luiz; Paixão, Mônica Lopes
2007-08-01

Resumo em português Objetivou-se estimar as variações nas excreções diárias de creatinina, uréia e derivados de purinas (DP) na urina utilizando coletas durante seis dias consecutivos e avaliar as concentrações de nitrogênio uréico no plasma (NUP) em novilhos. Utilizaram-se quatro animais, machos castrados, de grau de sangue predominantemente Holandês, peso médio de 445 kg, distribuídos em quadrado latino 4 x 4, com os tratamentos definidos em esquema fatorial 2 x 2 (dois nívei (mais) s de uréia em substituição ao farelo de soja: 0 e 100%; e dois níveis de oferta de concentrado: 0,75 e 1,25% do PV) e a comparação entre dias de avaliação, em esquema de parcelas subdivididas. O volumoso, constituído de silagem de capim-elefante (80%) e silagem de sorgo (20%), foi fornecido à vontade. A síntese de compostos nitrogenados microbianos, estimada a partir da excreção de DP, foi maior quando houve maior oferta de concentrado e menor quando a proteína do farelo de soja foi substituída pela uréia. Não houve efeito da interação níveis de concentrado ´ níveis de uréia nem efeito de níveis de uréia sobre a concentração de NUP e a excreção de N-uréico na urina. As excreções urinárias de uréia, alantoína, ácido úrico e a quantidade estimada de proteína microbiana não foram afetadas pelos dias de coleta de urina. Não houve diferença na excreção de creatinina entre os dias de coleta, sendo obtido valor médio de 25,47 mg/kgPV, 117,92 mg/kg0,75 ou 1,04 mmol/kg0,75. A ausência de efeito de número de dias sobre a excreção de creatinina tem grande aplicação prática. Na estimativa da excreção de creatinina e de derivados de purinas, recomendam-se coletas de urina com duração de 24 horas. Resumo em inglês The objective of this trial was to investigate the daily variation in the urinary excretions of creatinine, urea and purine derivatives (PD) as well as the plasma concentration of urea-N (PUN) in steers. Four castrated Holstein steers averaging 445 kg of body weight (BW) in the beginning of the trial were used in a 4 x 4 Latin square design with a 2 x 2 factorial arrangement of treatments. Animals were fed two levels of urea (0 and 100%) and two levels of concentrate (0.7 (mais) 5 and 1.25% of BW). Comparisons between collection days were done by a split-plot design. The forage portion of the diet, which was composed by silages of elephant grass (80%) and sorghum (20%) was fed ad libitum. Microbial protein synthesis, estimated by urinary excretion of PD, was increased by feeding the high-concentrate diet while the opposite was observed when urea replaced soybean meal in the diet (high-urea diet). No significant interaction between concentrate versus urea levels was found for NUP and urinary excretion of urea-N. Different levels of dietary urea also had not effect on these same variables. Urinary excretions of urea, allantoin, and uric acid and microbial protein synthesis were not affected by the number of urinary collection days. The same was observed for creatinine excretion, which averaged 25.47 mg/kg BW, 117.92 mg/kg0.75 or 1.04 mmol/ kg0.75. It can be concluded that no more than 24 h (one sampling day) of urine collection was required to accurate determine excretion of nitrogenous compounds, which has important practical applications due to labor and costs reductions.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

16

Correlação entre a depuração plasmática de creatinina utilizando urina coletada durante 24 horas e 12 horas/ Correlation between the creatinine clearance in the urine collected during 24 hours and 12 hours

Silva, Amilcar Bernardo Tomé da; Molina, Maria del Carmen Bisi; Rodrigues, Sérgio Lamêgo; Pimentel, Enildo Broetto; Baldo, Marcelo Perim; Mill, José Geraldo
2010-06-01

Resumo em português INTRODUÇÃO: A concentração da creatinina no plasma é usada para avaliar a função renal, mas a depuração da creatinina plasmática (DCP) constitui método mais sensível para essa finalidade. OBJETIVO : Correlacionar a DCP em coleta urinária de 12 horas noturna com a de 24 horas. MÉTODOS: Noventa e cinco voluntários (34-64 anos) coletaram urina durante 24 horas em dois frascos: diurno (das 7h às 19h) e noturno (das 19h às 7h do dia seguinte). A coleta de sang (mais) ue se deu em jejum para medidas bioquímicas. A correlação entre as variáveis foi feita pelo teste Pearson (r) e a concordância de medidas, pelo teste de Bland-Altman. RESULTADOS: Urinas de quatro indivíduos foram recusadas por erro de coleta. Na amostra final (n = 91; 42 homens), havia 23 hipertensos e cinco diabéticos. A DCP (mL/min/1,73 m²) foi menor no período noturno em mulheres (77,8 ± 22,7 versus 88,4 ± 23,6; p Resumo em inglês INTRODUCTION: Creatinine concentration in plasma has been used to evaluate renal function. However, the endogenous creatinine clearance (CrCl) is more sensitive to this goal. OBJECTIVE : Correlate the CrCl calculated from urinary collects of 12 h and 24 h. METHODS: Ninety five volunteers (34-64 y) collected the urine for 24 h into two bottles: night, from 7 am to 7 pm and day, from 6 am to 7 pm. A fasting blood sample was used to measure plasma creatinine. Correlation bet (mais) ween variables was determined by Pearson method (r) and the agreement between night and 24 h CrCl was determined by the Bland-Altman plot. RESULTS: Urines of 4 individuals were discarded because of collect errors. In the final sample (n = 91; 42 males), hypertension was found in 23 and diabetic in 5. The CrCl (mL/min/1.73 m²) was slightly lower in females in the night (77.8 ± 22.7 versus 88.4 ± 23.6; p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

17

Efeito do óleo de copaíba nos níveis séricos de uréia e creatinina em ratos submetidos à síndrome de isquemia e reperfusão renal/ Copaiba oil effect on urea and creatinine serum levels in rats submitted to kidney ischemia and reperfusion syndrome

Brito, Marcus Vinicius Henriques; Moreira, Raphael de Jesus; Tavares, Marcelo Luiz Couto; Carballo, Mariela Carolina Santos; Carneiro, Thiago Xavier; Santos, Alex de Assis Santos dos
2005-06-01

Resumo em português OBJETIVO: Avaliar o efeito do óleo de copaíba nos níveis séricos de uréia e creatinina em ratos submetidos a síndrome de isquemia e reperfusão renal. MÉTODOS: Foram utilizados 18 ratos (Rattus norvegicus albinus),da linhagem Wistar, fêmeas, adultas, entre 90 e 120 dias de idade, pesando ente 200g e 250g, distribuídos em dois grupos: Isquemia e Reperfusão (GIR), e Isquemia e Reperfusão Copaíba (GIRC). Os animais dos dois grupos foram submetidos à isquemia ren (mais) al, de ambos os rins, por 50 minutos, seguida de reperfusão por 24, 48 e 72 horas, com posterior coleta de sangue e análise dos níveis séricos de uréia e creatinina. No GIRC, realizou-se, além da isquemia e reperfusão, a administração diária do óleo de copaíba na dose de 0,63 ml/kg, por gavagem, sete dias antes do procedimento de isquemia renal. RESULTADOS: Foi observada uma diminuição estatisticamente significante dos níveis séricos de uréia no GIRC em 24 e 48 horas de reperfusão renal e uma diminuição do nível sérico de creatinina no GIRC em 48 horas de reperfusão renal quando comparados com o grupo Controle. CONCLUSÃO: Segundo os procedimentos aplicados, o óleo de copaíba diminuiu os níveis séricos de uréia em 24 horas e 48 horas e os de creatinina nas 48 horas após o procedimento de isquemia e reperfusão renal em ratos. Resumo em inglês PURPOSE: To evaluate the copaiba oil effect on urea and creatinine levels in rats submitted to kidney ischemia and reperfusion syndrome. METHODS: Eighteen Wistar rats (Rattus norvegicus albinus), aged between 90 and 120 days, weight between 200g and 250g, were allocated in 2 groups (n=9) and submitted to 50 minutes of renal ischemia and reperfusion and treated or not with copaiba oil (0,63ml/kg daily seven days before ischemia). The nitrogen excrements were assessed at 24 (mais) , 48 and 72 hours after ischemia period. RESULTS: The urea serum level was smaller (p d" 0,05) at 24 and 48 hours, and the creatinine serum level was smaller at 48 hours in animals treated with copaiba oil (GIRC) than the GIR. CONCLUSION: The copaiba oil decreased significantly the urea serum level at 24 and 48 hours and the creatinine level at 48 hours after kidney ischemia and reperfusion in rats.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

18

Função renal de pacientes de unidade de terapia intensiva: creatinina plasmática e proteína carreadora do retinol urinário/ Renal function of intensive care unit patients: plasma creatinine and urinary retinol-binding protein

Mizoi, Cristina Satoko; Dezoti, Cassiane; Vattimo, Maria de Fátima Fernandes
2008-12-01

Resumo em português OBJETIVOS: A avaliação precoce da disfunção renal usando marcadores usuais não supre uma indicação quer da sensitividade e da especificidade da disfunção renal de pacientes críticos. Seriam desejáveis marcadores mais específicos e sensíveis para a detecção precoce de um processo fisiopatológico renal em fase inicial. A proteína carreadora do retinol urinário poderia ser um método alternativo para avaliação precoce da função renal destes pacientes. M (mais) ÉTODOS: O estudo acompanhou 100 pacientes em terapia intensiva e avaliou suas variáveis clinicas e laboratoriais, incluindo a dosagem de creatinina plasmática e proteina carreadora do retinol urinário e as variáveis demográficas. RESULTADOS: A amostra foi caracterizada por pacientes geriátricos (63,4±15,6 anos), homens (68%), sendo 53% cirúrgicos. Análise estatística mostrou associação entre creatinina plasmática e as seguintes variáveis: gênero (p=0,026), idade (p=0,038), uso de medicação vasoativa (p=0,003), proteinúria (p=0,025), escore Acute Physiological Chronic Health Evaluation (APACHE) II (p=0,000), uréia (p=0,000), potássio (p=0,003) clearance de creatinina estimado (p=0,000). A proteína carreadora do retinol urinário correlacionava-se com outras variáveis: peso usa de ventilação invasiva (p=0,000), uso de medicamentos antinfamatórios não-esteróides (p=0,018), uso de medicação vasoativa (p=0,021), temperatura alta (>37,5ºC) (p=0,005), proteinúria (p=0,000), bilirubinúria (p=0,004), fluxo urinário (p=0,019), pressão diastólica mínima (p=0,032), pressão sistólica mínima (p=0,029), APACHE II (p=0.000), creatinina (p=0,001), uréia (p=0,001) e clearance de creatinina estimado (p=0,000). A proteína carreadora do retinol urinário também tende a ser associada com doença renal anterior, vasculopatias e neoplasias. Na análise univariada, a fração de excreção de sódio se correlacionou com creatinina plasmática e proteina carreadora do retinol urinário. CONCLUSÃO: A proteina carreadora do retinol urinário, na prática clínica, pode ser considerada um marcador mais apropriado para o diagnóstico em pacientes com risco de desenvolver uma insuficiência renal aguda, quando comparada com outros marcadores usados rotineiramente. Ademais, a proteina carreadora do retinol urinário apresenta outros aspectos de um bom teste diagnóstico - é um método prático e não-invasivo. Resumo em inglês OBJECTIVES: The early assessment of renal dysfunction using common markers does not provide either a sensitive or specific indication of renal dysfunction in critically ill patients. More specific and sensitive markers are desirable for the early detection of an initial renal pathophysiological process. Urinary retinol-binding protein could be an alternative method to early evaluation of renal function in these patients. METHODS: This study followed-up 100 critical care p (mais) atients and assessed their clinical and laboratory variables, including plasma creatinine and urinary retinol-binding ratio, and demographic variables. RESULTS: The sample was characterized by geriatric (63.4±15.6 years), male (68%), being 53% surgical patients. Statistical analysis showed association between plasma creatinine and the following variables: gender (p-0.026), age (p-0.038), use of vasoactive drugs (p-0.003), proteinuria (p-0.025), Acute Physiological Chronic Health Evaluation (APACHE) II score (p-0.000), urea (p-0.000), potassium (p-0.003) and estimated creatinine clearance (p-0.000). Urinary retinol-binding protein was correlated with more variables: weight, use of invasive ventilation (p-0.000), use of nonsteroidal antiinflammatory drugs (p-0.018), use of vasoactive drugs (p-0.021), high temperature (>37.5ºC) (p-0.005), proteinuria (p-0.000), bilirubinuria (p-0.004), urinary flow (p-0.019), minimal diastolic pressure (p-0.032), minimal systolic pressure (p-0.029), APACHE II (p-0.000), creatinine (p-0.001), urea (p-0.001), estimated creatinine clearance (p-0.000). Urinary retinol-binding protein also tended to associate with previous renal disease, vasculopathy and neoplasm. Sodium excretion fraction correlated with plasma creatinine and urinary retinol-binding protein in univariate analysis. CONCLUSIONS: Urinary retinol-binding protein might be considered in clinical practice as a better marker regarding diagnostic performance in patients at risk of developing acute kidney injury, when compared with other markers routinely used. Moreover, urinary retinol-binding protein has other features of a good diagnostic test - it is a practical and non-invasive method.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

19

Avaliação da relação proteína-creatinina urinária em gatos com doença renal crônica

Castro, Maria Cristina N.; Marcello, Gracy C.G.; Alencar, Nayro X.; Ferreira, Ana Maria R.
2009-08-01

Resumo em português Doença renal crônica (DRC) é a forma mais comum de doença renal em gatos. Vários fatores têm sido citados como importantes na progressão da doença, dentre eles a proteinúria. A relação proteína-creatinina (RPC) urinária em uma única amostra de urina apresenta boa correlação com a perda de proteína urinária em 24 horas. O objetivo dessa investigação foi determinar a RPC urinária em gatos com DRC adquirida naturalmente. A determinação da RPC foi reali (mais) zada em nove gatos saudáveis (Grupo I) e em trinta gatos com DRC (Grupo II). Os gatos do Grupo I apresentaram RPC de 0,16±0,10 e os gatos do Grupo II apresentaram RPC de 0,53± 0,59. No Grupo II encontrou-se correlação positiva e significante da RPC com o nível de creatinina sérica. Os resultados deste estudo demonstram que a RPC urinária em gatos com DRC é bastante variável e que, à semelhança do que já havia sido previamente descrito, aproximadamente um terço dos gatos com DRC são considerados proteinúricos segundo critérios estabelecidos pela literatura (RPC urinária >0,4). Resumo em inglês Chronic renal disease (CRD) is the most common form of renal disease in cats. Several factors contribute to disease progression. Proteinuria is an important marker of renal disease progression. The protein-creatinine ratio in a single urine sample correlates well with urinary protein loss in 24 hours. The aim of this investigation was to determine the urine protein-creatinine (UPC) ratio in cats with natural acquired chronic renal disease. The UPC ratio was performed in n (mais) ine clinically normal cats and in 30 cats with chronic renal disease. Mean UPC ratio in normal cats was 0.16±0.10, and mean UPC ratio in the cats with chronic renal disease was 0.53± 0.59. In the group with renal disease there was positive correlation between UPC ratio and serum creatinine levels. The results obtained from this study demonstrate that UPC ratio in cats with CRD is variable and that, in accordance to what has previously been described, approximately one third of the cats with CRD are considered proteinuric according to the criteria established in literature (UPC ratio > 0.4).

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

20

Efeito do período de coleta de urina, dos níveis de concentrado e de fontes protéicas sobre a excreção de creatinina, de uréia e de derivados de purina e a produção microbiana em bovinos Nelore/ Effect of urinary collection days, concentrate levels and protein sources on creatinine, urea and purine derivatives excretions and microbial protein synthesis in Nellore cattle

Barbosa, Analívia Martins; Valadares, Rilene Ferreira Diniz; Valadares Filho, Sebastião de Campos; Véras, Robson Magno Liberal; Leão, Maria Ignês; Detmann, Edenio; Paulino, Mário Fonseca; Marcondes, Marcos Inácio; Souza, Majorie Augusto de
2006-06-01

Resumo em português O efeito do período de coleta de urina sobre a excreção urinária de creatinina, uréia e derivados de purinas (DP), as purinas absorvidas e a produção de compostos nitrogenados microbianos (Nmic) foi avaliado em bovinos Nelore de quatro categorias: novilhas, machos castrados, machos não-castrados e vacas em lactação. A produção de Nmic obtida em amostras spot de urina foi comparada àquela obtida via coleta total. Dezesseis animais da raça Nelore mantidos em c (mais) onfinamento foram distribuídos em delineamento inteiramente casualizado em esquema de parcelas subdivididas, tendo nas parcelas os tratamentos em esquema fatorial 2 x 4 (dois níveis de concentrado, 25 ou 50%, e quatro categorias de bovinos, novilhas, machos castrados, machos não-castrados e vacas em lactação) e nas subparcelas os seis dias de coleta. Não houve interação entre níveis de concentrado, categorias de animal e dias de coleta para as variáveis avaliadas. O volume urinário não foi influenciado pelos níveis de concentrado e os dias de coleta, contudo, foi significativamente maior para as vacas. A excreção de creatinina não foi afetada pelos tratamentos e dias de coletas, observando-se média de 27,1 mg/kg0,75. As purinas absorvidas e a produção de Nmic também não foram influenciadas pelos tratamentos e os dias de coleta. A produção de Nmic, estimada pela amostra spot de urina, não diferiu daquela obtida pela coleta total, nem entre os níveis de concentrado ou entre as categorias de animal. Concluiu-se que o período de coleta de urina de 24 horas é suficiente para experimentos utilizando animais Nelore, independentemente de serem novilhas, machos castrados ou não-castrados ou vacas, e que a coleta de amostra spot de urina também pode ser usada para estimar a produção de Nmic. Resumo em inglês The effects of collection days on urinary excretion of creatinine and purine derivatives (PD), absorbed purines and microbial N synthesis (Nmic) were evaluated in different categories of Nellore cattle: heifers, steers, bulls and lactating cows. Yield of Nmic estimated from spot urine samples was compared to that obtained by total urine collection. Sixteen feedlot Nellore animals were assigned to a completely randomized design in a split plot scheme with treatments (two l (mais) evels of concentrate [25 or 50%] and four categories [heifers, steers, bulls and lactating cows] included in the plots (2 x 4 factorial arrangement) and collection days (six days) in the sub-plots. No significant interactions among concentrate levels, animal categories and collection days were observed. In addition, urinary volume was not affected by concentrate levels and collection days, although a significant effect was observed for cows. Neither treatments nor collection days significantly affected urinary excretion of creatinine that averaged 27.1 mg/kg0.75. Similar results were observed for absorbed purines and Nmic production. Production of Nmic estimated by spot urine sample did not differ from that obtained by total collection. The estimation of Nmic also was not affected by concentrate levels and animal category. It was concluded that 24-h urinary collection period is recommended for Nellore cattle and that was independent of animal category (heifers, steers, bulls and lactating cows). Therefore, spot urine samples can be used to estimate microbial protein synthesis.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

21

Concentração plasmática de uréia e excreções de uréia e creatinina em novilhos/ Plasma urea concentration and urea and creatinine excretions in steers

Rennó, Luciana Navajas; Valadares, Rilene Ferreira Diniz; Valadares Filho, Sebastião de Campos; Leão, Maria Ignez; Silva, José Fernando Coelho da; Cecon, Paulo Roberto; Gonçalves, Lúcio Carlos; Dias, Helder Luiz Chaves; Linhares, Ricardo Sampaio
2000-08-01

Resumo em português O trabalho foi conduzido com os objetivos de determinar a concentração plasmática de N-uréia (NUP), a excreção fracional de uréia (EFU) e as excreções de uréia (EU) e creatinina (EC), para várias condições experimentais; estabelecer a relação entre NUP, excreção fracional de uréia e excreção de uréia com a porcentagem de proteína bruta (PB) e fibra em detergente neutro (FDN) da dieta; e avaliar as perdas urinárias endógenas, por meio da determinaç (mais) ão da excreção de creatinina. Nos experimentos I e II, foram utilizadas rações constituídas de 25,0; 37,5; 50,0; 62,5; e 75,0% de concentrado formuladas para apresentarem níveis variados de proteína de acordo com a energia da dieta e níveis semelhantes de proteína (12% de PB), respectivamente. No experimento III, o nível de concentrado foi fixo (40%), sendo variável a idade de corte da gramínea. No experimento IV, as rações foram constituídas de 20,0; 32,5; 45,0; 57,5; e 70,0% de concentrado com, aproximadamente, 12% de PB. Utilizou-se o delineamento experimental em quadrado latino 5 x 5 para todos os experimentos, com exceção do III (4x4). Da urina total coletada em 24 horas, foram determinadas as excreções de uréia e creatinina. Para os experimentos I e III, a concentração de NUP variou linearmente com a porcentagem de PB e FDN da dieta; a excreção fracional de uréia e a excreção de uréia também variaram da mesma forma para todos os experimentos. A excreção de uréia aumentou linearmente com a concentração de NUP. A excreção de creatinina não foi influenciada pelo teor de PB dietético e foi proporcional ao peso corporal para todos os experimentos, com valor médio diário de 27,36 mg/kg PV, podendo ser usada para estimar as perdas endógenas de compostos nitrogenados. Resumo em inglês The work was carried out to evaluate the plasma N-urea concentration (NUP), the urea fractional excretion (UFE) and the creatinine (CE) and urea (EU) excretions for several experimental conditions; to establish the relation among NUP, the urea fractional excretion and the urea excretion with the dietary crude protein (CP) and NDF percentage; and to evaluate the urinary endogenous losses, by means of the creatinine excretion determination. In the experiments I and II, diet (mais) s with 25.0, 37.5, 50.0, 62.5, and 75.0% of concentrate formulated were used to have different protein levels according to the dietary energy, or similar protein levels (12%CP), respectively. In the experiment III, concentrate level was fixed (40%), and the forage cut age was variable. In the experiment IV, diets were constituted on 20.0, 32.5, 45.0, 57.5, and 70.0% of concentrate, with approximately 12% CP. An experimental 5 x 5 latin square design, except for the experiment III (4 x 4), was used. From the total urine collected in 24 hours, the urea and creatinine excretions were determined. For the experiments I and III, the NUP concentration linearly changed as the dietary CP and NDF percentage increased. The fractional urea excretion and the urine excretions varied the same way for all treatments. The creatinine excretion was not influenced by the dietary CP content being proportional to the body weight for all experiments, with an average value of 27.36 mg/day/LW, and it could be used to estimate the endogenous losses of nitrogenous compounds.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

22

Influência da temperatura e do tempo de armazenamento nas dosagens bioquímicas de uréia e creatinina em soro ou plasma caninos/ Effect of temperature and storage time on urea and creatinine dosages from canine serum or plasma

Fernandes, S.T.; Teixeira, M.N.; Santos, E.S.
2001-12-01

Resumo em português O trabalho teve como objetivos avaliar algumas condições de estocagem de soro e de plasma com EDTA 10% utilizados para determinação dos valores de uréia e creatinina em cães, e avaliar a possibilidade de substituir o soro pelo plasma conservado com EDTA 10%. Foram realizadas 3600 análises (1800 amostras de soro e 1800 de plasma) com amostras que permaneceram em temperaturas ambiente, de refrigeração e de congelamento. As análises foram realizadas imediatamente a (mais) pós a obtenção da amostra (tempo 0) e após 2, 6, 12, 24, 72 horas e 30 e 60 dias após a coleta do sangue. Os resultados permitiram concluir que a uréia conservou-se por mais tempo na amostra sérica refrigerada até 30 dias e a creatinina na amostra sérica congelada até 72h. O soro mostrou mais estabilidade que o plasma em todas as condições de estoque estabelecidas. Resumo em inglês Aiming to evaluating some conditions of EDTA 10% serum and plasma storage for urea and creatinine values determinations in canines as well as analyzing the possibility of serum substitution by plasma, a total of 3600 samples (1800 serum and 1800 of plasma) were analyzed at room, refrigeration and freezing temperatures. Different time intervals were used in the analysis: immediately after sampling (time 0), and at 2, 6, 12, 24, and 72 hours, and 30 and 60 days after the bl (mais) ood collection. The data showed that urea remains conserved for more time in the refrigerated serum sample until 30 days and the creatinine in the frozen serum sample until 72 hours. Serum showed more stability than plasma in all storage conditions established.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

23

Níveis de uréia na ração de novilhos de quatro grupos genéticos: parâmetros ruminais, uréia plasmática e excreções de uréia e creatinina/ Urea levels in diet for steers of four genetic groups: ruminal parameters, plasma urea, urea and creatinine excretions

Rennó, Luciana Navajas; Valadares Filho, Sebastião de Campos; Paulino, Mário Fonseca; Leão, Maria Ignez; Valadares, Rilene Ferreira Diniz; Rennó, Francisco Palma; Paixão, Mônica Lopes
2008-03-01

Resumo em português Objetivou-se avaliar o efeito de quatro níveis de uréia na ração (0; 0,65; 1,3 e 1,95% na matéria seca - MS) sobre pH e amônia ruminais, concentração plasmática de uréia, excreção fracional de uréia e excreções de uréia e creatinina, bem como avaliar as perdas urinárias endógenas por meio da excreção de creatinina em novilhos de quatro grupos genéticos (Holandês, ½ sangue Holandês-Guzerá, ½ sangue Holandês-Gir e Zebu). Os animais for (mais) am distribuídos em quatro quadrados latinos (grupos genéticos) 4 ´ 4, sendo quatro animais, quatro períodos experimentais de 14 dias cada um e quatro tratamentos (rações). As coletas de líquido ruminal, para determinação do pH e das concentrações de nitrogênio amoniacal (N-NH3), foram realizadas antes do fornecimento da dieta e 2, 4, 6 e 8 horas após. Durante a coleta de urina realizada em 24 horas, foi coletado o sangue aproximadamente 4 horas após a alimentação e, após centrifugação, obtido o plasma. Nas amostras de urina e plasma, foram determinadas as concentrações de uréia e creatinina. O pH ruminal apresentou comportamento semelhante para os grupos genéticos e foi influenciado positivamente pela inclusão de uréia na dieta. As concentrações de N-NH3 foram influenciadas positivamente pelos níveis de uréia na ração para os animais holandeses e mestiços. A concentração plasmática de N-uréico aumentou linearmente em função da adição de uréia na ração. A excreção fracional de uréia apresentou comportamento linear decrescente em função dos níveis de uréia na dieta. A excreção urinária de uréia não diferiu entre os animais holandeses e mestiços, mas foi superior em relação aos zebuínos. A excreção de creatinina não foi influenciada pelos grupos genéticos, nem pela inclusão de uréia na dieta, apresentando valor médio de 27,76 mg/kg PV. Sugere-se que as perdas urinárias endógenas de compostos nitrogenados sejam estimadas a partir da excreção de creatinina. Resumo em inglês This work was carried out to evaluate the effect of four dietary urea levels (0, 0.65, 1.3, and 1.95% in dry matter - DM) on ruminal pH and ammonia-N, plasmatic urea nitrogen, urea fractional excretion, creatinine and urea excretions, as well as to evaluate endogenous urinary losses, by means of creatinine excretion, in steers of four genetic groups (Holstein, ½ Holstein-Guzera, ½ Holstein-Gir and Zebu). Animals were assigned to four 4 &acu (mais) te; 4 latin squares (genetic groups), with four animals, four experimental periods of 14 days each one and four treatments (rations). The ruminal fluid collections to determine pH and ammonia nitrogen (N-NH3) concentrations was performed before feeding and 2, 4, 6 and 8 hours post feeding. During the 24-h urine collection, 4 hours after feeding, blood was collected and, after centrifugation, plasma was obtained. In the urine and plasma samples, the urea and creatinine concentrations were determined. Ruminal pH showed the similar pattern for the genetic groups and was affected by the increasing urea levels in the diet. The ruminal ammonia concentration were affected by the increasing urea levels in the diet for the Holstein and crossbred. The concentration of plasmatic urea nitrogen linearly increased as urea level in the diet increased. Urea fractional excretion decreased linearly by the increasing urea level in the diet. Urea urinary excretion did not differ among Holstein, but showed higher values in relation to Zebu. Creatinine excretion was affected neither by the genetic group nor by the increasing dietary urea levels and showed average value of 27.76 mg/kg of LW. It is recommended that endogenous urinary losses of nitrogen compounds can be estimated from the creatinine excretion.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

24

Avaliação da função renal do idoso em duas horas/ Two-hour evaluation of renal function in the elderly/ Evaluación de la función renal de ancianos en dos horas

Benarab, Maria do Carmo B. Sammartino; Castiglia, Yara Marcondes Machado; Vianna, Pedro Thadeu Galvão; Braz, José Reinaldo Cerqueira
2005-06-01

Resumo em português JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: Os idosos têm diminuição progressiva da função renal e os hipertensos, maior risco de lesão renal adicional no intra-operatório. Avalia-se a função renal pela depuração da creatinina, com débito urinário de 24 horas, para diluir o erro de possível volume vesical residual (VVR). O objetivo deste trabalho foi avaliar a função renal pré-operatória de idosos hipertensos e não-hipertensos, com débito urinário de duas horas, utili (mais) zando aparelho de ultra-som portátil para determinação do volume vesical residual. MÉTODO: Foram analisados 30 pacientes, distribuídos em dois grupos, Gn (15), idosos não-hipertensos, e Gh (15), idosos hipertensos, coletando-se urina durante 2 horas. Mediu-se o VVR com aparelho de ultra-som portátil. Analisaram-se os seguintes parâmetros: idade, sexo, estado físico, altura, peso, índice de massa corpórea, creatinina plasmática e urinária, sódio e potássio plasmáticos e urinários, osmolalidade plasmática e urinária, débito urinário, depuração da creatinina, osmolar e de água livre, excreção urinária e fracionária de sódio e potássio. Comparou-se a depuração estimada de creatinina com a depuração da creatinina. RESULTADOS: Os pacientes de Gn e Gh não apresentaram diferenças significativas quanto à maioria dos parâmetros estudados. Os idosos hipertensos apresentaram tendência a maior excreção fracionária de sódio e o potássio plasmático mostrou-se mais baixo nos hipertensos, porém com valores normais. A depuração estimada de creatinina correlacionou-se positivamente com a de creatinina apenas em Gn. CONCLUSÕES: Os pacientes hipertensos apresentaram potássio plasmático mais baixo e excretaram mais sódio, tendo ocorrido correspondência entre a depuração estimada de creatinina e a depuração da creatinina apenas para os pacientes do grupo dos não-hipertensos. Resumo em espanhol JUSTIFICATIVA Y OBJETIVOS: Los ancianos tienen disminución progresiva de la función renal y los hipertensos, mayor riesgo de lesión renal adicional en el intra-operatorio. Se evalúa la función renal por la depuración de la creatinina, con débito urinario de 24 horas, para diluir el error de posible volumen vesical residual (VVR). El objetivo de este trabajo fue evaluar la función renal pre-operatoria de ancianos hipertensos y no hipertensos, con débito urinario d (mais) e 2 horas, utilizando un aparato de ultrasonido portátil para determinación del volumen vesical residual. MÉTODO: Fueron analizados 30 pacientes, distribuidos en dos grupos, Gn (15), ancianos no hipertensos, y Gh (15), ancianos hipertensos, colectándose orina durante dos horas. Se midió el VVR con un aparato de ultrasonido portátil. Se analizaron los siguientes parámetros: edad, sexo, estado físico, altura, peso, índice de masa corpórea, creatinina plasmática y urinaria, sodio y potasio plasmáticos y urinarios, osmolalidad plasmática y urinaria, débito urinario, depuración de la creatinina, osmolar, de agua libre, excreción urinaria y fraccionaria de sodio y potasio. Se comparó la depuración estimada de creatinina con la depuración de la creatinina. RESULTADOS: Los pacientes de Gn y Gh no presentaron diferencias significativas referentes a la mayoría de los parámetros estudiados. Los ancianos hipertensos presentaron inclinación a una mayor excreción fraccionaria de sodio y el potasio plasmático se mostró más bajo en los hipertensos, sin embargo con valores normales. La depuración estimada de creatinina se correlacionó positivamente con la de creatinina apenas en Gn. CONCLUSIONES: Los pacientes hipertensos presentaron potasio plasmático más bajo y excretaron más sodio, habiendo ocurrido correspondencia entre la depuración estimada de creatinina y la depuración de la creatinina apenas para los pacientes del grupo de los no hipertensos. Resumo em inglês BACKGROUND AND OBJECTIVES: Elderly have progressive renal function deterioration and hypertensive patients are at higher risk of additional intraoperative kidney injury. Renal function is evaluated by creatinine clearance, with 24-hour urinary output to dilute the error of possible residual vesical volume (RVV). This study aimed at evaluating preoperative renal function of hypertensive and normotensive elderly patients, with 2-hour urinary output, using portable ultrasoun (mais) d to determine residual vesical volume. METHODS: Participated in this study 30 patients distributed in 2 groups: Gn (15) normotensive elderly, and Gh (15) hypertensive elderly. Urine was collected for 2 hours. RVV was measured with portable ultrasound. The following parameters were evaluated: age, gender, physical status, height, weight, body mass index, plasma and urinary creatinine, plasma and urinary sodium and potassium, plasma and urinary osmolality, urinary output, creatinine, osmolar and free water clearance, sodium and potassium urinary and fractional excretion. Estimated creatinine clearance was compared to actual creatinine clearance. RESULTS: Gn and Gh patients were not significantly different in most evaluated parameters. Hypertensive elderly had a trend to higher sodium fractional excretion and plasma potassium was lower in hypertensive patients, however within normal ranges. Estimated creatinine clearance was positively correlated to actual creatinine clearance in Gn only. CONCLUSIONS: Hypertensive patients had lower plasma potassium and excreted more sodium, with correspondence between estimated and actual creatinine clearance in normotensive patients only.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

25

Disfunção renal moderada não está associada a Troponina T elevada em síndromes coronarianas agudas/ Moderate renal dysfunction is not associated with elevated Troponin T in acute coronary syndromes/ Disfunción renal moderada no está asociada a Troponina T elevada en síndromes coronarias agudas

Correia, Luis C. L.; Barbosa, Carolina E.; Cerqueira, Thais; Vasconcelos, Ana; Merelles, Saulo; Reis, Tiago; Lima, José C.; Esteves, J. Péricles; Teixeira, Marcela S.
2010-10-01

Resumo em português FUNDAMENTO: A interpretação dos resultados de troponina em pacientes com síndromes coronarianas agudas (SCA) e doença renal é dificultada pelo fato de que a disfunção renal aumenta os níveis de troponina, independente da necrose miocárdica. Embora tenha sido demonstrado que a doença renal em estágio terminal está associada com níveis elevados de troponina T cardíaca (TnT), ainda não é conhecido se esse biomarcador é alterado por níveis menos graves de di (mais) sfunção renal. OBJETIVO: Avaliar se disfunção renal moderada está associada com elevação dos níveis de TnT em pacientes com SCA. MÉTODOS: Um total de 145 indivíduos com SCA e clearance de creatinina > 30 ml/min foram estudados. O clearance de creatinina foi estimado através da fórmula de Cockcroft-Gault e a TnT foi medida na admissão hospitalar. Disfunção renal moderada foi definida como clearance de creatinina de 30-59 ml/min e TnT positiva como níveis > 0,01 ug/l. RESULTADOS: Nenhuma correlação foi observada entre o clearance de creatinina e TnT (r = - 0,06, P=0,45). Os níveis de TnT foram similares entre indivíduos no primeiro (mediana=0,05 ug/l), segundo (mediana=0 ug/l), terceiro (mediana=0,07 ug/l) e quarto quartis (mediana=0 ug/l) de clearance de creatinina - P=0,63. De forma similar, não houve diferença nos valores de troponina entre indivíduos com disfunção renal moderada (mediana=0,02 ug/l) e indivíduos com função renal normal/quase normal (mediana=0,03 ug/l) - P=0.63. A prevalência de TnT positiva foi similar entre indivíduos com disfunção renal moderada e função renal normal/quase normal (55% vs 52%, P=0,65). CONCLUSÃO: Disfunção renal moderada não está associada com elevação dos níveis de TnT em pacientes com SCA. (Arq Bras Cardiol 2010; 95(5): 600-605) Resumo em espanhol FUNDAMENTO: La interpretación de los resultados de troponina en pacientes con síndromes coronarias agudas (SCA) y enfermedad renal es dificultada debido al hecho de que la disfunción renal aumenta los niveles de troponina, independientemente de la necrosis miocárdica. Aunque se haya sido evidenciada la enfermedad renal en fase terminal está asociada con niveles elevados de troponina T cardíaca (TnT), aún no se conoce si este biomarcador es alterado por niveles meno (mais) s severos de disfunción renal. OBJETIVOS: Evaluar si la disfunción renal moderada está asociada con la elevación de los niveles de TnT en pacientes con SCA. MÉTODOS: Un total de 145 individuos con SCA y clearance de creatinina > 30 ml/min fueron estudiados. El clearance de creatinina se estimó a través de la fórmula de Cockcroft-Gault y la TnT se midió en la admisión hospitalaria. Disfunción renal moderada se definió como clearance de creatinina de 30-59 ml/min y TnT positiva como niveles > 0,01 ug/L. RESULTADOS: No se observó alguna correlación entre el clearance de creatinina y TnT (r = - 0,06, P=0,45). Los niveles de TnT fueron similares entre individuos en el primero (mediana=0,05 ug/L), segundo (mediana=0 ug/L), tercero (mediana=0,07 ug/L) y cuarto cuartiles (mediana=0 ug/L) de clearance de creatinina - P=0,63. De forma similar, no hubo diferencia en los valores de troponina entre individuos con disfunción renal moderada (mediana=0,02 ug/L) y individuos con función renal normal/casi normal (mediana=0,03 ug/L) - P=0.63. La prevalencia de TnT positiva fue similar entre individuos con disfunción renal moderada y función renal normal/casi normal (55% vs 52%, P=0,65). CONCLUSIÓN: Disfunción renal moderada no está asociada con la elevación de los niveles de TnT en pacientes con SCA. (Arq Bras Cardiol 2010;95(5):600-605) Resumo em inglês BACKGROUND: Interpretation of troponin results in patients with acute coronary syndromes (ACS) and renal disease is confused by the fact that renal dysfunction increases troponin levels, regardless of myocardial necrosis. Although it has been demonstrated that end-stage renal disease is associated with elevated cardiac troponin T (cTnT) levels, it is not known whether this biomarker is altered by less than severe degrees of renal impairment. OBJECTIVE: To evaluate whether (mais) moderate renal dysfunction is associated with cTnT elevation in patients with ACS. METHODS: One hundred, forty-five individuals with ACS and creatinine clearance > 30 ml/min were studied. Creatinine clearance was estimated by the Cockcroft-Gault formula and cTnT was measured at hospital admission. Moderate renal dysfunction was defined as a creatinine clearance of 30-59 ml/min and positive cTnT as levels > 0.01 ug/l. RESULTS: No correlation was observed between creatinine clearance and cTnT (r = - 0.06, P=0.45). The levels of cTnT were similar among individuals in the first (median=0.05 ug/l), second (median=0 ug/l), third (median=0.07 ug/l) and fourth quartiles (median=0 ug/l) of creatinine clearance - P=0.63. Similarly, there was no difference in troponin values between individuals with moderate renal dysfunction (median=0.02 ug/l) and individuals with normal/near normal function (median=0.03 ug/l) - P=0.63. The prevalence of positive cTnT was similar between individuals with moderate renal dysfunction and normal/near normal renal function (55% vs 52%, P=0.65). CONCLUSION: Moderate renal dysfunction is not associated with cTnT elevation in patients with ACS. (Arq Bras Cardiol 2010; 95(5): 600-605)

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

26

Cistatina C e taxa de filtração glomerular em cirurgia cardíaca com circulação extracorpórea/ Cystatin C and glomerular filtration rate in the cardiac surgery with cardiopulmonary bypass

Felicio, Marcello Laneza; Andrade, Rubens Ramos de; Castiglia, Yara Marcondes Machado; Silva, Marcos Augusto de Moraes; Vianna, Pedro Thadeu Galvão; Martins, Antonio Sergio
2009-09-01

Resumo em português OBJETIVO: Avaliar a cistatina C como marcador de função renal em pacientes submetidos à cirurgia de cardíaca com circulação extracorpórea, comparando com a dosagem sérica de creatinina. MÉTODOS: Foram analisados 50 pacientes consecutivos submetidos à cirurgia de revascularização do miocárdio. A função renal foi avaliada com a dosagem sérica de cistatina C e de creatinina no pré-operatório, no primeiro e no quinto dia de pós-operatório. Foram utilizadas (mais) as fórmulas de Cockcroft-Gault (CG) e Modification of Diet in Renal Disease (MDRD) para calcular a taxa de filtração glomerular estimada (TFG) através da creatinina, e a fórmula de Larsson para a TFG estimada através da cistatina C (TFG-Cis). RESULTADOS: A creatinina e o TFG através das fórmulas de CG e MDRD não mostraram diferença significativa nos momentos estudados. Após a agressão renal pela cirurgia, houve um aumento da cistatina C no 1º e 5º pós-operatório, sendo que no 5º pós-operatório com diferença estatisticamente significativa (P Resumo em inglês OBJECTIVE: The aim of this study was to compare cystatin C versus creatinine as a marker for acute kidney injury in patients submitted to cardiac surgery with cardiopulmonary bypass. METHODS: Fifty consecutive patients submitted to coronary artery bypass grafting were studied. Renal function was evaluated by serum cystatin C and creatinine. Blood samples were obtained from each patient at three time points: before operation, and on the first and fifth postoperative days. (mais) Glomerular filtration rate (GFR) was calculated by Cockcroft-Gault (CG), Modification of Diet in Renal Disease (MDRD), and Larsson (Cys-GFR) formulas. RESULTS: Creatinine and GFR by CG and MDRD formulas did not show statistical difference between study times. After renal injury from surgery, there was an increase in cystatin C on the 1st and 5th day after surgery, being significantly different on the 5th postoperative (P

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

27

Glomerulonefrite lúpica: estudo da evolução a longo prazo/ Lupus nephritis: a long term follow-up

Martins, R. S.; Carvalho, M. F.; Soares, V. A.
2000-06-01

Resumo em português OBJETIVO: Estudar a apresentação clínica e a evolução de pacientes portadores de glomerulonefrite lúpica. CASUÍSTICA E MÉTODOS: Foram estudados 37 pacientes portadores de glomerulonefrite lúpica, atendidos pela Disciplina de Nefrologia - Faculdade de Medicina de Botucatu, com seguimento médio de 52,4 ± 13,3 meses. Os dados foram obtidos através do levantamento retrospectivo dos prontuários. RESULTADOS: A idade média foi de 26,05 ± 11,12 anos, com predomíni (mais) o do sexo feminino (84%) sendo que a glomerulonefrite classe IV foi a mais freqüente (80%). No início do seguimento a média da creatinina sérica foi de 1,74 ± 1,15 mg/dl, e a da proteinúria de 24h foi de 2,62 ± 2.89 g. Cinqüenta e um porcento dos pacientes com creatinina sérica elevada apresentaram, durante o seguimento, diminuição desses valores. Dentre diferentes variáveis estudadas, à época da biopsia renal, (idade, sexo, proteinúria, presença de hipertensão arterial e creatinina sérica) a única que se associou com pior prognóstico foi a elevação da creatinina sérica. Remissão da síndrome nefrótica ocorreu em 65% das vezes. A sobrevida atuarial foi de 96%, 82%, 70% e 70% em 1, 5, 10 e 12 anos. Cinco pacientes desenvolveram insuficiência renal crônica terminal e sete morreram, sendo infecção a principal causa de óbito (57%) CONCLUSÃO: Em pacientes com nefropatia lúpica, o aumento da creatinina sérica, à época da biópsia, se associou com o desenvolvimento de insuficiência renal crônica ao fim do seguimento e a principal causa de óbito foi processo infeccioso. Resumo em inglês PURPOSE: To evaluate and the long term course of patients with lupus nephritis, METHOD: Thirty seven patients with lupus nephritis followed in a referral, tertiary care center of a developing country (Brazil) were studied. The length of follow up was 52.4 + 13.3 months and mean age was 26.05 +11.12 years. 84% of the patients were females and class IV nephritis was found to be the most frequent (80%). RESULTS: At the time of renal biopsy mean serum creatinine was 1.74 + 1. (mais) 15 mg/dl, and 24h-proteinuria was 2.62 + 2.89 g. Fifty one per cent of the patients with elevated serum creatinine showed a decrease in these values. Of the variables studied (age, sex, proteinuria, presence of hypertension and serum creatinine at biopsy), serum creatinine elevation was the only one to be associated with poorer prognosis. Remission of the nephrotic syndrome occurred in 65% of the patients. Actuarial survival rate was 96% at 1 year, 82% at 5 years, 70% at 10 years and 70% at 12 years. Five patients developed end stage renal failure and 7 died. Infection was the most frequent(57%) cause of death. CONCLUSION: Among several factors studied the only which has been associated with chronic renal failure was elevated serum creatinine at the time of biopsy. Infections were the main cause of death.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

28

Uso da microalbuminúria em amostras urinárias aleatórias para o rastreamento de pré-eclâmpsia em grávidas diabéticas/ Use of microalbuminuria in random urine samples to screen diabetic pregnant women for preeclampsia

Sanchez, Victor Hugo Saucedo; Bertini, Anna Maria; Taborda, Wladimir Correa; Barros, Rosy Ane Araujo; Hagemann, Cristiane Cadore
2003-05-01

Resumo em português OBJETIVO: avaliar o desempenho da dosagem de microalbuminúria como método para rastreamento de pré-eclampsia MÉTODOS: estudo prospectivo longitudinal no qual foram incluídas 45 grávidas diabéticas. Foi quantificada a microalbuminúria em três períodos distintos da gravidez: antes da 18ª semana, entre a 18ª e a 24ª semana e entre a 32ª e a 36ª semana de gravidez. Todas as pacientes freqüentaram o pré-natal entre janeiro de 2000 e dezembro de 2001. O ensaio (mais) de microalbuminúria/creatinina é método quantitativo para medir baixas concentrações de albumina, creatinina e a relação albumina/creatinina na urina. Como critério indicativo de dano renal incipiente e risco para pré-eclâmpsia foi empregada a relação albumina/creatinina maior que 16 mg/g. A sensibilidade, especificidade, valor preditivo positivo e valor preditivo negativo da relação albumina/creatinina foram calculados para predizer a ocorrência ou ausência de pré-eclâmpsia. RESULTADOS: do total de pacientes, 17% apresentaram pré-eclâmpsia. A sensibilidade da relação albumina/creatinina foi crescente de 12,5% com 18 semanas para 25% entre 18 e 24 semanas e 87% após a 32ª semana. Em contraste, a especificidade teve valor decrescente de 97 para 89 e 83%, respectivamente. O valor preditivo positivo foi relativamente baixo, com valores de 50, 33 e 53% nos três diferentes períodos de avaliação. De outro modo, o valor preditivo negativo foi elevado nas três faixas de idade gestacional, com valores de 83, 84 e 96%. CONCLUSÕES: a quantificação aleatória da microalbuminúria pôde predizer corretamente a não ocorrência de pré-eclâmpsia em grávidas diabéticas, sendo pouco eficiente para a identificação correta das pacientes que evoluíram com pré-eclâmpsia. Resumo em inglês PURPOSE: the aim of the present study was to evaluate the accuracy of microalbuminuria to predict preeclampsia. METHODS: a prospective study of 45 consecutive diabetic gestations that were tested for microalbuminuria before the 18th week, between the 18th and 24th week and between the 32nd and 36th week of gestation. All patients had their prenatal care done from January 2000 to December 2001. The DCA 2000 microalbumin/creatinine assay is a quantitative method for measuri (mais) ng low concentrations of albumin, creatinine and the albumin/creatinine ratio in urine. According to laboratory standards, an albumin/creatinine ratio >16 mg/g (1.8 mg/mmol) indicates incipient renal damage and risk for preeclampsia. The sensitivity, specificity, positive and negative predictive values of the albumin/creatinine ratio were determined to predict the occurrence or the absence of preeclampsia, diagnosed through clinical criteria. RESULTS: of all patients, 17% developed preeclampsia. The sensitivity of albumin/creatinine ratio increased from 12.5% at 18 weeks to 25% between the 18th and 24th week and to 87% after the 32nd week. On the other hand, specificity presented a decreasing value from 97 to 89 and 83%, respectively). The positive predictive value was relatively low in the three different periods of evaluation (50, 33 and 53%, respectively. The negative predictive value was increased in the three stages of gestational age (83, 84 and 96%, respectively). CONCLUSIONS: quantification of microalbuminuria could correctly predict the absence of preeclampsia but was less accurate to predict the occurrence of the disease in diabetic pregnancies.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

29

Avaliação do ritmo de filtração glomerular/ Assessment of glomerular filtration rate

Kirsztajn, Gianna Mastroianni
2007-08-01

Resumo em português A medida do ritmo de filtração glomerular (RFG) é a prova laboratorial mais utilizada na avaliação da função renal. Para tanto, usam-se marcadores indiretos, como as determinações de creatinina e cistatina C no sangue, ou procede-se à determinação do RFG propriamente dito, com indicadores como inulina; contrastes iodados, marcados ou não; e outras substâncias. O exame mais solicitado para avaliação do RFG no laboratório de patologia clínica é a dosagem (mais) da creatinina sérica. Em algumas condições, entretanto, o resultado encontrado da creatinina sérica deve ser corrigido (através da utilização de fórmulas que levam em consideração características próprias do indivíduo) para ser devidamente interpretado. De fato, a inulina ainda é vista como marcador ideal de filtração glomerular, mas seu uso não se destina à prática clínica, de modo que ainda hoje persiste a busca por testes adequados para uso rotineiro. Resumo em inglês Glomerular filtration rate (GFR) determination is the most frequently used laboratorial test to evaluate renal function. Indirect markers as blood determination of creatinine and cystatin C are used with this purpose, as well as the direct determination of GFR, with indicators like inulin; iodated contrasts, radioactive or not; and others. Serum creatinine is the test that is most commonly performed in order to evaluate GFR in the clinical pathology laboratory. However, i (mais) n some conditions, aiming at the adequate interpretation of the test, the result of serum creatinine must be corrected (by using formulas that include individual characteristics of the subjects). In fact, inulin is still seen as the ideal marker of glomerular filtration, but its use is not directed to clinical practice; then the search for appropriate tests for routine use continues.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

30

Uso de nifedipina e incidência de lesão renal aguda em pós-operatório de cirurgia de revascularização do miocárdio com CEC/ Use of nefidipine and acute kidney injury incidence in postoperative of myocardial revascularization surgery with cardiopulmonary bypass

Passaroni, Andréia Cristina; Silva, Marcos Augusto de Moraes; Martins, Antônio Sérgio; Kochi, Ana Cláudia
2010-03-01

Resumo em português OBJETIVO: Avaliar durante o período perioperatório o uso da nifedipina na incidência de lesão renal aguda dos pacientes submetidos à revascularização do miocárdio com circulação extracorpórea. MÉTODOS: Foram estudados, de modo prospectivo e sequencial, 94 pacientes submetidos à revascularização do miocárdio com circulação extracorpórea. As dosagens da creatinina sérica foram realizadas durante pré-operatório e pós-operatório de 24, 48 horas e no 7� (mais) � dia. Estabeleceu-se como definição para presença de lesão renal a elevação da creatinina sérica 30% em relação ao seu valor basal nas primeiras 24 ou 48 horas de pós-operatório. Os pacientes foram divididos em quatro grupos: G1, que recebeu nifedipina no pré-operatório; G2, que recebeu nifedipina no pós-operatório; G3, que recebeu nifedipina no pré e pós-operatórios e, G4, que não recebeu nifedipina. RESULTADOS: O grupo G4 mostrou maior elevação do percentual de creatinina sérica e maior percentual de pacientes que apresentaram insuficiência renal aguda em relação aos demais grupos no pós-operatório. CONCLUSÃO: Os valores da creatinina sérica e a incidência de lesão renal aguda no pós-operatório sugerem possível efeito nefroprotetor da nifedipina em pacientes submetidos à revascularização do miocárdio com circulação extracorpórea. Resumo em inglês OBJECTIVE: The objective of this work was to evaluate the influence of the use of nifedipine on the outcome of renal function in patients undergoing myocardial revascularization with cardiopulmonary bypass. METHODS: The casuistics and variables related to extracorporeal circulation were studied. Serum creatinine levels were measured preoperatively, 24, 48 hours and on 7th day postoperatively. Renal failure was defined as an increase in 30% of serum creatinine levels at 24 (mais) or 48 hours postoperatively compared to those at baseline. Patients were assigned to four groups: G1 (patients who received nifedipine preoperatively); G2 (patients who received nifedipine postoperatively); G3 (patients who received nifedipine pre and postoperatively) and G4 (patients who did not receive nifedipine). RESULTS: The mean serum creatinine levels postoperatively presented greater rise in G4 (G4>G1=G2=G3), and G4 also presented a higher percentage of patients with acute renal failure (G4>G1 and G4>G3, P

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

31

Avaliação da função renal de cães sob dois protocolos para administração da cisplatina/ Renal function evaluation in dogs under two protocols for cisplatin administration

Martins, Marcos Russomano; Daleck, Carlos Roberto; Carvalho, Marileda Bonafim; Calado, Eraldo Barbosa; Ziliotto, Liane; Francisco, Manoel Marcelo da Silva
2003-08-01

Resumo em português OBJETIVO: Avaliar a função renal de cães sadios, sob dois protocolos para administração de cisplatina. MÉTODOS: Todos os animais foram submetidos a três sessões de quimioterapia com cisplatina (60mg/m², iv) a intervalos de 21 dias. Foi realizada fluidoterapia com solução de cloreto de sódio a 0,9%, (25mL/kg/hora,iv), durante duas horas e, após administração de cisplatina, por mais uma hora. Os animais do grupo 2 receberam furosemida (2mg/kg, iv) 20 minutos (mais) antes da administração da cisplatina. A avaliação da função renal foi feita por exame clinico, urinálise, concentrações séricas de uréia e creatinina, clearance de creatinina, excreção fracionada de sódio e de potássio e razão proteína: creatinina urinária. As avaliações foram feitas imediatamente antes e 1, 2, 5, e 21 dias após cada uma das três sessões de quimioterapia. RESULTADOS: Mantiveram-se dentro da normalidade, não sendo detectados sinais de lesões ou insuficiência renal. Os animais que não receberam furosemida sofreram aumento gradativo nas concentrações séricas de creatinina e diminuição no clearance da mesma. CONCLUSÃO: O regime de fluidoterapia empregado mostra ser efetivo em minimizar a ação nefrotóxica da cisplatina e benefício adicional importante é obtido pela administração de furosemida. Resumo em inglês PURPOSE: Evaluated the renal function of healthy dogs under two protocols for cisplatin administration. METHODS: All animals were under three chemotherapy sessions with cisplatin (60mg/m², i.v) at 21 days intervals. It was administerd, as fluid therapy, 0,9% sodium chloride solution (25mL/kg/hour, i.v), for two hours and, after cisplatin administration, for more one hour. The animals of the group 2 received furosemide (2mg/kg, i.v.) 20 minutes before the cisplatin admini (mais) stration. The renal function evaluation was made by physical examination, urinalisis, urea and creatinine serum levels, creatinine clearance, sodium and potassium fractional excretions, and urinary protein:creatinine ratio. The evaluations were done imidiatilly before, 1, 2, 5 and 21days after each one of the three chemotherapy sessions. RESULTS: All results were in the interval of normal variation, and no signs of renal damage or failure were detected. The animals that did not recive furosemide showed gradual increment of creatinine serum levels and decreases of the creatinine clearance. CONCLUSIONS: The protocol for fluid therapy seem to be effective in minimize the nephrotoxic action of cisplatin and an addition importante benefit is obtained with furosemide administration.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

32

Disfunção renal moderada não está associada a troponina T elevada em síndromes coronárias agudas/ Moderate renal dysfunction is not associated with elevated troponin T in acute coronary syndromes

Correia, Luis C. L; Barbosa, Carolina E; Cerqueira, Thais; Vasconcelos, Ana; Merelles, Saulo; Reis, Tiago; Lima, José C; Esteves, J. Péricles; Teixeira, Marcela S
2010-01-01

Resumo em português FUNDAMENTO: A interpretação dos resultados de troponina em pacientes com síndromes coronarianas agudas (SCA) e doença renal é dificultada pelo fato de que a disfunção renal aumenta os níveis de troponina, independente da necrose miocárdica. Embora tenha sido demonstrado que a doença renal em estágio terminal está associada com níveis elevados de troponina T cardíaca (TnT), ainda não é conhecido se esse biomarcador é alterado por níveis menos graves de di (mais) sfunção renal. OBJETIVO: Avaliar se disfunção renal moderada está associada com elevação dos níveis de TnT em pacientes com SCA. MÉTODOS: Um total de 145 indivíduos com SCA e clearance de creatinina > 30 ml/min foram estudados. O clearance de creatinina foi estimado através da fórmula de Cockcroft-Gault e a TnT foi medida na admissão hospitalar. Disfunção renal moderada foi definida como clearance de creatinina de 30-59 ml/min e TnT positiva como níveis > 0,01 ug/l. RESULTADOS: Nenhuma correlação foi observada entre o clearance de creatinina e TnT (r = - 0,06, P=0,45). Os níveis de TnT foram similares entre indivíduos no primeiro (mediana=0,05 ug/l), segundo (mediana=0 ug/l), terceiro (mediana=0,07 ug/l) e quarto quartis (mediana=0 ug/l) de clearance de creatinina - P=0,63. De forma similar, não houve diferença nos valores de troponina entre indivíduos com disfunção renal moderada (mediana=0,02 ug/l) e indivíduos com função renal normal/quase normal (mediana=0,03 ug/l) - P=0.63. A prevalência de TnT positiva foi similar entre indivíduos com disfunção renal moderada e função renal normal/quase normal (55% vs 52%, P=0,65). CONCLUSÃO: Disfunção renal moderada não está associada com elevação dos níveis de TnT em pacientes com SCA. Resumo em inglês BACKGROUND: Interpretation of troponin results in patients with acute coronary syndromes (ACS) and renal disease is confused by the fact that renal dysfunction increases troponin levels, regardless of myocardial necrosis. Although it has been demonstrated that end-stage renal disease is associated with elevated cardiac troponin T (cTnT) levels, it is not known whether this biomarker is altered by less than severe degrees of renal impairment. OBJECTIVE: To evaluate whether (mais) moderate renal dysfunction is associated with cTnT elevation in patients with ACS. METHODS: One hundred, forty-five individuals with ACS and creatinine clearance > 30 ml/min were studied. Creatinine clearance was estimated by the Cockcroft-Gault formula and cTnT was measured at hospital admission. Moderate renal dysfunction was defined as a creatinine clearance of 30-59 ml/min and positive cTnT as levels > 0.01 ug/l. RESULTS: No correlation was observed between creatinine clearance and cTnT (r = - 0.06, P=0.45). The levels of cTnT were similar among individuals in the first (median=0.05 ug/l), second (median=0 ug/l), third (median=0.07 ug/l) and fourth quartiles (median=0 ug/l) of creatinine clearance - P=0.63. Similarly, there was no difference in troponin values between individuals with moderate renal dysfunction (median=0.02 ug/l) and individuals with normal/near normal function (median=0.03 ug/l) - P=0.63. The prevalence of positive cTnT was similar between individuals with moderate renal dysfunction and normal/near normal renal function (55% vs 52%, P=0.65). CONCLUSION: Moderate renal dysfunction is not associated with cTnT elevation in patients with ACS.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

33

Tempo de circulação extracorpórea como fator risco para insuficiência renal aguda/ Cardiopulmonary bypass time as a risk factor for acute renal failure

Taniguchi, Fábio Papa; Souza, Ademar Rosa de; Martins, Antonio Sérgio
2007-06-01

Resumo em português OBJETIVO: A insuficiência renal aguda (IRA) no pósoperatório (PO) de cirurgia cardíaca é complicação grave. O objetivo deste trabalho é avaliar o tempo de circulação extracorpórea (CEC) como fator de risco para IRA. MÉTODO: Foram avaliados 116 pacientes de um único centro, submetidos a cirurgia cardíaca com CEC. Foram avaliados os dados demográficos, características clínicas, variáveis intra e pós-operatórias. A creatinina sérica e o clearance de crea (mais) tinina foram avaliados até o 5ºPO. IRA foi definida como necessidade de diálise. Os pacientes foram estratificados em dois grupos: grupo CEC 90min. RESULTADOS: O aumento médio da creatinina sérica no PO foi 0,18+0,41 no grupo CEC90min (p=0,005). Diálise foi necessária em 1,3% dos pacientes do grupo CEC 90min (p=0,018). O risco relativo para diálise foi 1,12 (IC 95%, 1,00-1,20) para CEC>90min. Não houve diferença para mortalidade (5,2 versus 7,5%, p=0,631). CONSLUSÃO: O desenvolvimento de IRA no pós-operatório de cirurgia cardíaca foi observado em pacientes com tempo de CEC superior a 90 minutos, embora o clearance de creatinina não tenha demonstrado alteração entre os grupos. Resumo em inglês OBJECTIVE: Acute renal failure following heart surgery is a major complication. The aim of this study was to evaluate if duration of cardiopulmonary bypass (CPB) is an important factor that influences kidney dysfunction. METHODS: One hundred and sixteen patients from a single center referred for heart surgery were evaluated. Demographic factors, clinical data, operative and postoperative variables were evaluated. Serum creatinine and creatinine clearance were calculated u (mais) ntil the fifth postoperative day. Acute renal failure was defined as the requirement of dialysis therapy. Patients were divided into two groups, the CPB90min p=0.005). Dialysis was indicated in 1.3% (CPB90min. There was no significant difference in mortality (5.2 versus 7.5%, p = 0.631). CONCLUSION: The greatest likelihood of developing kidney failure after heart surgery is observed when CPB is at least 90 minutes, although creatinine clearance was not significantly altered between the groups studied.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

34

Nefropatia induzida por contraste: avaliação da proteção pela n-acetilcisteína e alopurinol em ratos uninefrectomizados/ Contrast-induced nephropathy: evaluation of n-acetylcysteine and allopunirol protective effect in uninephrectomized rats

Eduardo, José Carlos Carraro; Macedo, Heloisa Werneck de; Caldas, Maria Lucia Ribeiro; Silva, Licio Esmeraldo
2008-06-01

Resumo em português OBJETIVO: A nefropatia por contraste é a terceira causa de insuficiência renal aguda em pacientes hospitalizados. O objetivo deste estudo foi avaliar a ação da n-acetilcisteína e do alopurinol na proteção renal em ratos de ambos os sexos que receberam diatrizoato. MATERIAIS E MÉTODOS: Ratos Wistar adultos jovens, uninefrectomizados e submetidos a restrição hídrica, receberam solução salina (grupo 1: machos; grupo 2: fêmeas), diatrizoato (grupo 3: machos; gru (mais) po 4: fêmeas), diatrizoato e n-acetilcisteína (grupo 5: machos), diatrizoato e alopurinol (grupo 6: machos) e diatrizoato e n-acetilcisteína + alopurinol (grupo 7: machos). A filtração glomerular foi avaliada pela creatinina. O teste t de Student e o teste do sinal foram utilizados para análises estatísticas. RESULTADOS: Ratos que receberam diatrizoato apresentaram elevação estatisticamente significante da creatinina sérica, quando comparados aos controles, porém não houve diferença entre os sexos. Os animais que receberam alopurinol não mostraram aumento significante da creatinina, enquanto a administração de n-acetilcisteína não impediu a elevação da creatinina. CONCLUSÃO: O alopurinol mostrou-se mais efetivo que a n-acetilcisteína na proteção funcional renal ao dano induzido pelo diatrizoato de sódio. Não houve diferença entre os sexos na intensidade do dano renal pelo diatrizoato de sódio. Resumo em inglês OBJECTIVE: Contrast medium-induced nephropathy is the third most frequent cause of iatrogenic acute renal failure involving inpatients. The present study was aimed at evaluating the protective effect of n-acetylcysteine and allopurinol in both male and female rats receiving diatrizoate. MATERIALS AND METHODS: Thirty-five young adult Wistar rats submitted to hydric restriction were divided into groups as follows: groups 1 and 2 (respectively male and female rats) receiving (mais) saline solution; groups 3 and 4 (respectively male and female rats) receiving diatrizoate; group 5 (male rats) receiving diatrizoate and n-acetylcysteine; group 6 (male rats) receiving diatrizoate and allopurinol; and group 7 (male rats) receiving diatrizoate and n-acetylcysteine + allopurinol. The glomerular filtration was evaluated by measurement of creatinine clearance. Student's t-test and the test of signal were utilized for statistical analysis. RESULTS: Animal models receiving allopurinol did not present a significant increase in the creatinine levels, while n-acetylcysteine did not prevent the creatinine levels increase. CONCLUSION: Allopurinol has shown to be more effective than n-acetylcysteine in the renal function protection against sodium diatrizoate-induced damages. No difference has been found between male and female groups as regards the intensity of sodium diatrizoate-induced renal damages.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

35

Insuficiência renal aguda associada ao uso de aciclovir endovenoso/ Acute renal failure related to intravenous acyclovir

Pacheco, Leonardo R.; Tavares, Helder M. E.; Moysés Neto, Miguel; Dantas, Marcio; Rocha, Luís Sérgio D'Oliveira; Ribeiro, Karina Mota; Figueiredo, José Fernando de Castro
2005-10-01

Resumo em português OBJETIVO: Avaliar a incidência e evolução da IRA em pacientes que utilizaram aciclovir por via intravenosa. MÉTODOS: Foram revisados, durante um período de sete meses consecutivos, os prontuários médicos de pacientes acima de 13 anos de idade que usaram aciclovir endovenoso (EV) por cinco dias ou mais. A IRA foi considerada quando a creatinina sérica, previamente normal, aumentava acima de 2 mg/dl. Foi analisado o tipo de tratamento instituído nos casos de IRA e (mais) sua evolução. RESULTADOS: Oitenta e cinco pacientes receberam aciclovir por via endovenosa durante o período estudado. Foram incluídos no estudo 41 pacientes. A IRA desenvolveu-se em 8 dos 41 pacientes estudados (19,5%). O tempo médio para o início do aumento dos níveis séricos da creatinina, após o início do uso da droga, foi de 4,2 dias, com o pico dos níveis da creatinina sérica aparecendo entre 3 a 14 dias (média 7,1 dias). A recuperação da função renal, avaliada pela queda dos níveis da creatinina, variou de 1 a 7 dias ( média de 3,6 dias). A resolução da IRA ocorreu após medidas gerais de hidratação, aumento do tempo de infusão e ajuste da dose do aciclovir. CONCLUSÃO: O aciclovir provocou IRA em 19,5% dos pacientes, que evoluíram bem em todos os casos observados, com retorno da função renal pré-tratamento após medidas de hidratação, reajuste da dose e aumento do tempo de infusão. Não houve necessidade de hemodiálise em nenhum paciente. A droga apresenta segurança de uso, desde que cuidados sejam implementados durante sua administração. Resumo em inglês OBJECTIVE: The aim of this study was to evaluate the incidence and outcome of acute renal failure (ARF) in patients submitted to intravenous (IV) acyclovir treatment. METHODS: All patients over 13 years of age that used intravenous acyclovir for 5 or more days were retrospectively analyzed. When serum creatinine levels, previously in the normal range, increased above 2 mg/dl, the case was considered an ARF. Treatment and outcome of patients that developed ARF were analyze (mais) d. RESULTS: Eighty-five patients received IV acyclovir during the study period. Forty-one patients were included in the study. ARF developed in 8 out of 41 patients (19.5%). In the ARF cases, after beginning of treatment, the average time for increase of the serum creatinine levels was 4.2 days. Creatinine levels reached their peak in a mean time of 7.1 days (ranging from 3 to 14 days). Recovery of the renal function, evaluated by decrease of the creatinine level, varied from 1 to 7 days (mean of 3.6 days). ARF had a good outcome with hydration, lengthening of drug infusion time and adjustment of the drug dosage. CONCLUSION: Acyclovir induced ARF in 19.5% of the patients. All patients had a positive response with return to a normal renal function after hydration, lengthening of drug infusion time and adjustment of the drug dosage. None of the patients required treatment with hemodialysis. Acyclovir is a safe drug when administered with certain preventive measures.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

36

Um índice clínico preditor de sobrevida renal/ A clinical predictor index for renal survival

Araújo, Nordeval Cavalcante; Rioja, Lilimar da Silveira; Rebelo, Maria Alice Puga
2010-03-01

Resumo em português INTRODUÇÃO: Um índice capaz de antecipar a progressão da doença renal independente dos achados histológicos seria de inestimável valor para a indicação da biópsia renal. OBJETIVO: Avaliar se um índice clínico baseado na ecogenicidade cortical renal, na relação diâmetro longitudinal do rim/altura do indivíduo (KL/H) e na creatinina sérica pode predizer a sobrevida renal. MÉTODOS: As lesões crônicas (obsolescência glomerular, esclerose segmentar e focal (mais) , atrofia tubular e fibrose intersticial) e agudas (proliferação mesangial, permeação leucocitária, necrose fibrinoide e crescentes e infiltrado intersticial) das biópsias de 154 pacientes foram graduadas e somadas para geração de índices. Um índice clínico de cronicidade foi criado pela soma da gradação da ecogenicidade cortical relativa a do fígado ou baço, dos níveis de creatinina sérica e da relação KL/H. O desfecho do estudo foi a necessidade de iniciar diálise. RESULTADOS: Os maiores graus do índice clínico de cronicidade e do índice crônico de biópsia foram associados com sobrevida renal mais curta. Dos seis pacientes com creatinina sérica > 2,5 mg/dL, maior ecogenicidade cortical e KL/H Resumo em inglês INTRODUCTION: A clinical index that discriminates disease progression independent of histopathologic features may be valuable in the best timing of biopsy. OBJECTIVE: This study addresses the question if a clinical index based on cortical echogenicity, renal length to body height ratio (KL/H), and serum creatinine levels predicts renal survival. METHODS: The study enrolled 154 patients. Biopsy specimens were graded for chronic (glomerular obsolescence, segmental glomerula (mais) r sclerosis, tubular atrophy and interstitial fibrosis) and acute (mesangial proliferation, leucocyte permeation, crescent and fibrinoid necrosis and interstital infiltrate) index by the sum of scored lesions. A chronic clinical index was created by the sum of scored cortical echogenicity relative to liver or spleen, creatinine serum levels and KL/H. The study end point was start on dialisis. RESULTS: Higher grade of chronic clinical and biopsy indices were associated with poorer long-term renal survival. Five out of six patients with serum creatinine levels > 2.5mg/dL, highest cortical echogenicity and KL/H

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

37

Estudo da excreção urinária de cálcio, potássio e sódio com o emprego de citrato de potássio na hipercalciúria idiopática na criança/ Study of urinary excretion of calcium, potassium and sodium using potassium citrate in children with idiopathic hypercalciuria

Trindade, Amélia Arcângela T.; Macedo, Célia Sperandeo; Riyuzo, Márcia Camegaçava; Padovani, Carlos Roberto; Bastos, Herculano Dias
2007-06-01

Resumo em português OBJETIVO: Estudar as relações entre a excreção urinária de cálcio, sódio e potássio e a associação sódio/potássio urinários em crianças com hipercalciúria idiopática em dieta habitual, antes e depois da administração de citrato de potássio na dose de 1mEq/kg/dia. MÉTODOS: Foram estudadas prospectivamente 26 crianças: 19 (73%) meninos e sete (27%) meninas com idade entre dois e 13 anos, portadores de hipercalciúria idiopática recém-diagnosticada por (mais) dosagem de cálcio em urina de 24 horas >4mg/kg/dia. O citrato de potássio foi administrado na dose de 1mEq/kg/dia. Foram realizadas dosagens séricas e em urina de 24 horas de cálcio (Ca), potássio(K), sódio (Na) e creatinina (Cr), antes e 15 dias depois da administração diária do citrato de potássio. Para comparar os resultados de cálcio/creatinina (Ca/Cr), potássio/creatinina (K/Cr) e sódio/potássio (Na/K) urinários nos dois momentos, aplicou-se o teste não-paramétrico de Wilcoxon. Para a análise das associações entre Ca/Cr e K/Cr e entre Ca/Cr e Na/Cr foi utilizado o coeficiente de correlação de Pearson. Considerou-se significante p Resumo em inglês OBJECTIVE: Evaluate the relationships among the urinary excretion of calcium (UCa), potassium (UK), sodium (UNa) and the ratio between UNa/UK in children with idiopathic hypercalciuria and a regular diet, before and after 1mEq/kg/day potassium citrate administration. METHODS: 26 children with idiopathic hypercalciuria (UCa>4mg/kg/day) were prospectively studied: 19 (73%) boys and seven (27%) girls between two and 13 years old. Potassium citrate was administered: 1mEq/Kg/d (mais) ay twice a day for 15 days. Blood and 24-hour urinary determinations of calcium, potassium, sodium and creatinine were done in two periods: before and after the 15-day administration of potassium citrate. The following urinary ratios were analyzed before and after potassium citrate use by Wilcoxon test: calcium/creatinine (UCa/UCr), potassium/creatinine (UK/UCr) and sodium/creatinine (UNa/UCr). The association between UCa/UCr, UK/UCr and Ca/Cr, UCa/UCr and UNa/UK were analyzed by Pearson’s correlation. Significance was considered for p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

38

Lesão renal aguda após revascularização do miocárdio com circulação extracorpórea/ Acute kidney injury after on-pump coronary artery bypass graft surgery/ Lesión renal aguda post-revascularización del miocardio con circulación extracorpórea

Machado, Maurício de Nassau; Miranda, Rafael Carlos; Takakura, Isabela Thomaz; Palmegiani, Eduardo; Santos, Carlos Alberto dos; Oliveira, Marcos Aurélio; Mouco, Osana M.; Hernandes, Mauro E.; Lemos, Maria Angélica; Maia, Lília N.
2009-09-01

Resumo em português FUNDAMENTO: A lesão renal aguda (LRA) é uma doença complexa para a qual, atualmente, não há uma definição padrão aceita. A AKIN (Acute Kidney Injury Network) representa uma tentativa de padronização dos critérios para diagnóstico e estadiamento da LRA, baseando-se nos critérios RIFLE (risk, injury, failure, loss, e end-stage kidney disease), publicados recentemente. OBJETIVOS: Avaliar a incidência e mortalidade associada à LRA em pacientes submetidos à rev (mais) ascularização do miocárdio (RM) com circulação extracorpórea (CEC). MÉTODOS: O total de 817 pacientes foi dividido em dois grupos: LRA negativa (-), com 421 pacientes (51,5%), e LRA positiva (+), com 396 pacientes (48,5%). Foi considerado LRA a elevação da creatinina em 0,3 mg/dl ou aumento em 50% da creatinina em relação a seu valor basal. RESULTADOS: A mortalidade em 30 dias dos pacientes com e sem LRA foi de 12,6 % e 1,4%, respectivamente (p 14 dias) - 14% vs. 2%; p Resumo em espanhol FUNDAMENTO: Lesión renal aguda (LRA) es una compleja enfermedad, la que, actualmente, no tiene definición patrón acepta. AKIN (Acute Kidney Injury Network) representa una tentativa de estandardización de criterios para el diagnostico y estadiamiento de LRA basado en los criterios RIFLE (risk, injury, failure, loss, y end-stage kidney disease) publicados recientemente. OBJETIVO: Evaluar la incidencia y mortalidad asociada a LRA en pacientes sometidos a revascularizaci� (mais) �n del miocardio (RM) con circulación extracorpórea (CEC). MÉTODOS: El total de 817 pacientes fueron divididos en dos grupos: LRA negativa (-), con 421 pacientes (51,5%), y LRA positiva (+), con 396 pacientes (48,5%). LRA fue considerada la elevación de creatinina en 0,3 mg/dl el aumento en 50% de creatinina en relación a su valor basal. RESULTADOS: La mortalidad dentro de 30 días de los pacientes con y sin LRA ha sido de 12,3 y 1,4%, respectivamente (p14 días), 14 versus 2%; p Resumo em inglês BACKGROUND: The acute kidney injury (AKI) is a complex disease for which there is no accepted standard definition nowadays. The Acute Kidney Injury Network (AKIN) represents an attempt to standardize the criteria for diagnosis and staging of acute renal dysfunction based on recently published RIFLE criteria, that means, (Risk, Injury, Failure, Loss, and End-stage kidney disease). OBJECTIVES: To evaluate the incidence and associated mortality of AKI in patients submitted t (mais) o on-pump coronary artery bypass graft surgery (on-pump CABG). METHODS: A total of 817 patients were divided into two groups: negative AKI (-), with 421 patients (51.5%), and positive AKI (+), with 396 patients (48.5%). Increase of 0.3 mg/dL in creatinine or of 50% in creatinine's basal value was considered as AKI. RESULTS: The rate of patient's mortality with or without AKI within 30 days after cardiac surgery was 12.6% and 1.4%, respectively (p14 days) (14 versus 2%; p=0.0001). CONCLUSION: In the studied population, even a discrete alteration in renal function, based on AKIN criteria, was an independent predictor of death in 30 days after on-pump CABG. (ClinicalTrials.gov Registry: NCT00780845).

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

39

Função renal de cães tratados com doses terapêuticas de flunixin meglumine e ketoprofen durante o trans e pós-operatório/ Renal function in dogs treated with therapeutic dosages of flunixin meglumine and ketoprofen during the trans and pos-operatory period

Schossler, Deila; Alievi, Marcelo Meller; Emanuelli, Mauren Picada; Schossler, João Eduardo
2001-03-01

Resumo em português Baseando-se em relatos de casos de falência renal após a administração de flunixin meglumine em animais saudáveis, o presente trabalho foi desenvolvido visando avaliar a função renal através da medição sérica de uréia e creatinina de quatro grupos de cinco caninos submetidos a um procedimento cirúrgico, sendo os dois primeiros tratados com flunixin meglumine e os dois seguintes tratados com ketoprofen, ambos em doses terapêuticas. Os valores séricos de uré (mais) ia e creatinina mantiveram-se dentro dos limites fisiológicos, permitindo concluir que não há lesão renal em consequência da utilização tanto no trans quanto no pós-operatório de animais clinicamente sadios. Resumo em inglês It has been reported in the literature several clinical cases of renal failure after the use of flunixin meglumine in normal healthy dogs. Based on these reports this study was developed to evaluate the renal function of normal healthy dogs. Blood urea nitrogen (BUN) and serum creatinine were measured in four groups of 5 dogs submitted to a single surgical procedure. Two groups received flunixin meglumine and the other two ketoprofen, both in therapeutic dosages. The resu (mais) lts showed values of BUN and serum creatinine within normal range for dogs. It is fair to conclude that flunixin meglumine and ketoprofen do not produce renal failure when administered during the peri-operative period in normal healthy dogs.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

40

Avaliação do ácido trans, trans-mucônico urinário como biomarcador de exposição ao benzeno/ Assessment of urinary trans, trans-muconic acid as a biomarker of exposure to benzene

Paula, Flávia Cristina S de; Silveira, Josiane Nicácio; Junqueira, Roberto Gonçalves; Leite, Edna Maria Alvarez
2003-12-01

Resumo em português OBJETIVO: Avaliar o uso do ácido trans, trans-mucônico urinário como biomarcador na monitorização da exposição ocupacional ao benzeno. MÉTODOS: Foi estudado o comportamento do ácido trans, trans-mucônico em amostras de urina de indivíduos expostos (N=36) e não expostos (N=116) ocupacionalmente ao solvente. A concentração urinária do ácido foi determinada por Cromatografia Líquida de Alta Eficiência. A amostra foi constituída de indivíduos expostos ao b (mais) enzeno em uma refinaria de petróleo localizada em Belo Horizonte, MG. Foram empregados os testes estatísticos não-paramétricos de Kruskall-Wallis, Mann Witney e de correlação de Spearman, ao nível de significância de 0,05%. RESULTADOS: A exposição média ao benzeno dos trabalhadores selecionados foi de 0,15±0,05 mg/m³ (0,05 ppm) o que resultou em um valor médio do metabólito urinário de 0,19±0,04 mg/g de creatinina. A faixa de referência do ácido trans, trans-mucônico no grupo não exposto variou de 0,03 a 0,26 mg/g de creatinina (média de 0,10±0,08 mg/g de creatinina). Foi encontrada uma diferença significativa entre os níveis de ácido trans, trans-mucônico do grupo exposto e não exposto. Entretanto, não houve correlação entre os níveis do metabólito urinário e do benzeno no ar. Foi observada a correlação entre ácido trans, trans-mucônico e hábito de fumar no grupo de indivíduos expostos. A ingestão de álcool num período de até 48 horas antes da coleta das amostras não mostrou interferir nos níveis do metabólito nos dois grupos estudados. Foi observada a correlação entre ácido trans, trans-mucônico e idade (faixa etária de 18 a 25 anos) no grupo de não expostos. CONCLUSÕES: Os resultados obtidos evidenciaram a importância de ser mais bem avaliada a influência do hábito de fumar e da faixa etária do trabalhador nos níveis urinários do ácido trans, trans-mucônico. Resumo em inglês OBJECTIVE: To assess the use of trans, trans-muconic acid as a biomarker of occupational exposure to benzene. METHODS: Trans, trans-muconic acid in urine samples of exposed (exposed group, n=36) and non-exposed (non-exposed group, n=116) workers to benzene. Urinary levels of trans, trans-muconic acid were quantified by high-performance liquid chromatography. The study sample consisted of subjects exposed to benzene in an oil refinery in Belo Horizonte, Brazil. Non-paramet (mais) ric statistical analysis was carried out using Kruskall-Wallis test, Mann-Whitney test and Spearman correlation at p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

41

Avaliação do ácido trans, trans-mucônico urinário como biomarcador de exposição ao benzeno/ Assessment of urinary trans, trans-muconic acid as a biomarker of exposure to benzene

Paula, Flávia Cristina S de; Silveira, Josiane Nicácio; Junqueira, Roberto Gonçalves; Leite, Edna Maria Alvarez
2003-12-01

Resumo em português OBJETIVO: Avaliar o uso do ácido trans, trans-mucônico urinário como biomarcador na monitorização da exposição ocupacional ao benzeno. MÉTODOS: Foi estudado o comportamento do ácido trans, trans-mucônico em amostras de urina de indivíduos expostos (N=36) e não expostos (N=116) ocupacionalmente ao solvente. A concentração urinária do ácido foi determinada por Cromatografia Líquida de Alta Eficiência. A amostra foi constituída de indivíduos expostos ao b (mais) enzeno em uma refinaria de petróleo localizada em Belo Horizonte, MG. Foram empregados os testes estatísticos não-paramétricos de Kruskall-Wallis, Mann Witney e de correlação de Spearman, ao nível de significância de 0,05%. RESULTADOS: A exposição média ao benzeno dos trabalhadores selecionados foi de 0,15±0,05 mg/m³ (0,05 ppm) o que resultou em um valor médio do metabólito urinário de 0,19±0,04 mg/g de creatinina. A faixa de referência do ácido trans, trans-mucônico no grupo não exposto variou de 0,03 a 0,26 mg/g de creatinina (média de 0,10±0,08 mg/g de creatinina). Foi encontrada uma diferença significativa entre os níveis de ácido trans, trans-mucônico do grupo exposto e não exposto. Entretanto, não houve correlação entre os níveis do metabólito urinário e do benzeno no ar. Foi observada a correlação entre ácido trans, trans-mucônico e hábito de fumar no grupo de indivíduos expostos. A ingestão de álcool num período de até 48 horas antes da coleta das amostras não mostrou interferir nos níveis do metabólito nos dois grupos estudados. Foi observada a correlação entre ácido trans, trans-mucônico e idade (faixa etária de 18 a 25 anos) no grupo de não expostos. CONCLUSÕES: Os resultados obtidos evidenciaram a importância de ser mais bem avaliada a influência do hábito de fumar e da faixa etária do trabalhador nos níveis urinários do ácido trans, trans-mucônico. Resumo em inglês OBJECTIVE: To assess the use of trans, trans-muconic acid as a biomarker of occupational exposure to benzene. METHODS: Trans, trans-muconic acid in urine samples of exposed (exposed group, n=36) and non-exposed (non-exposed group, n=116) workers to benzene. Urinary levels of trans, trans-muconic acid were quantified by high-performance liquid chromatography. The study sample consisted of subjects exposed to benzene in an oil refinery in Belo Horizonte, Brazil. Non-paramet (mais) ric statistical analysis was carried out using Kruskall-Wallis test, Mann-Whitney test and Spearman correlation at p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

42

Função hepática e renal de frangos de corte alimentados com dietas com aflatoxinas e clinoptilolita natural/ Hepatic and renal functions in broilers fed on diets with aflatoxins and natural clinoptilolite

Maciel, Roberto Marinho; Lopes, Sonia Terezinha dos Anjos; Santurio, Janio Morais; Martins, Danieli Brolo; Rosa, Alexandre Pires; Emanuelli, Mauren Picada
2007-09-01

Resumo em português O objetivo deste trabalho foi avaliar os minerais séricos e as funções hepática e renal de frangos de corte, alimentados com dietas com aflatoxinas e dietas com aflatoxinas e argila clinoptilolita natural. Foram utilizados 528 frangos de corte machos, da linhagem Ross, distribuídos em seis tratamentos com quatro repetições cada: T1 - testemunha: ração sem aflatoxina ou clinoptilolita; T2 - ração com 5 ppm de aflatoxinas; T3 - ração com 0,25% de clinoptilolita (mais) ; T4 - ração com 5 ppm de aflatoxinas e 0,25% de clinoptilolita; T5 - ração com 0,5% de clinoptilolita; e T6 - ração com 5 ppm de aflatoxinas e 0,5% de clinoptilolita. As aves foram submetidas aos tratamentos do 1º ao 42º dia de idade. Foram abatidos 72 animais, e foram analisadas as concentrações séricas de cálcio, fósforo, uréia, creatinina, ácido úrico, colesterol, triglicerídeos e gamaglutamil-transferase (GGT). As aflatoxinas diminuem o nível sérico de colesterol. A clinoptilolita diminui o nível sérico do ácido úrico, quando na concentração de 0,25%. As aflatoxinas com 0,25% de clinoptilolita diminuem os níveis séricos da creatinina, do ácido úrico e do colesterol. As aflatoxinas acrescidas por 0,5% de clinoptilolita diminuem os níveis séricos da creatinina e do colesterol e elevam os de gamaglutamil-transferase. Resumo em inglês The objective of this study was to evaluate serum minerals and hepatic and renal activities in broiler chicks fed with diets containing aflatoxins and diets with aflatoxins and natural clinoptilolite clay. Five hundred and twenty-eight Ross male broiler chicks were grouped in six treatments with four replications each: T1 - control: diet free from aflatoxins and clinoptilolite; T2 - aflatoxins 5 ppm diet; T3 - 0.25% clinoptilolite diet; T4 - aflatoxins 5 ppm and 0.25% cli (mais) noptilolite diet; T5 - 0.5% clinoptilolite diet; and T6 - aflatoxins 5 ppm and 0.5% clinoptilolite diet. The birds were treated from the 1st to the 42nd day of age. Seventy-two birds were slaughtered. Calcium, phosphorus, urea, creatinine, uric acid, cholesterol, triglycerides and gammaglutamil transferase (GGT) were all analyzed in serum. Aflatoxins decrease cholesterol; and 0.25% clinoptilolite decreases serum uric acid and has no effect at 0.5%. Aflatoxins plus 0.25% clinoptilolite diets decrease creatinine, uric acid and cholesterol serum levels. Also aflatoxins plus 0.5% clinoptilolite diets decrease creatinine and cholesterol, but increase GGT serum levels.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

43

Avaliação do efeito da clorpromazina sobre a função renal de cães submetidos à isquemia e reperfusão

de Menezes, Liliana B.; Fioravanti, Maria Clorinda S.; de Brito e Silva, Marcelo S.; Franco, Leandro G.; Sales, Tatyane Penha; Andrascko, Mariana M.; Veado, Julio César C.; de Araújo, Eugênio G.
2010-02-01

Resumo em português A isquemia renal está presente em diferentes situações como em cirurgias renais, vasculares e no transplante renal. O objetivo deste trabalho foi avaliar a integridade e a função renal de cães submetidos à isquemia e reperfusão com ou sem aplicação de clorpromazina. Para tanto foram utilizados 12 cães distribuídos aleatoriamente em dois grupos de seis indivíduos: grupo A com isquemia e reperfusão sem tratamento por clorpromazina e o grupo B com isquemia e re (mais) perfusão tratados previamente com clorpromazina. De cada cão foi coletado sangue e urina antes da isquemia, no inicio da reperfusão, após 120 minutos de reperfusão e semanalmente até 28º dia pós-cirúrgico para verificar possíveis efeitos tardios da isquemia/reperfusão. Avaliações da integridade e função renal foram feitas por exame físico, concentração sérica de ureia e creatinina e determinação da GGT urinária. A avaliação da relação proteína urinária/creatinina urinária (PU/CU) e atividade da GGT urinária são exames mais sensíveis para detectar lesão tubular aguda que o exame de urina de rotina, uma vez que estas variáveis apresentaram alteração mais precocemente. Não houve ação protetora da clorpromazina conforme constatado por meio da urinálise, dosagens séricas de ureia e creatinina, excreção urinária de GGT e PU/CU. Resumo em inglês Renal ischemia may occur in different situations such as vascular or renal surgery and also in renal transplantation. This study evaluates renal function in dogs submitted to ischemia and reperfusion after chlorpromazine application. Twelve adult mongrel dogs were distributed into two groups with six animals each. Group A was composed of dogs submitted to renal ischemia and reperfusion without previous administration of chlorpromazine. Group B was composed of dogs with re (mais) nal ischemia and reperfusion previously treated with chlorpromazine. In order to evaluate the possible ischemia/reperfusion late effects, blood and urine samples were sampled in four different times: Before ischemia, early stages of reperfusion, 120 minutes after reperfusion, and every week until 28th day postsurgery. Renal function was evaluated by clinical examination, serum urea and creatinine levels and urinary GGT activity. PU/CU and GGT urinary activity were more sensitive in detecting acute tubular injury than routine urine examination because these variables showed earlier changes. Based on urinalysis, urea and creatinine serum levels plus urinary excretion of GGT and PU/CU, no evidences of protective action of chlorpromazine were observed.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

44

Questões atuais relativas à dosagem e à descrição da excreção urinária de albumina/ Current issues in measurement and report of urinary albumin excretion

Miller, W. Greg; Bruns, David E.; Hortin, Glen L.; Sandberg, Sverre; Aakre, Kristin M.; McQueen, Matthew J.; Itoh, Yoshihisa; Lieske, John C.; Seccombe, David W.; Jones, Graham; Bunk, David M.; Curhan, Gary C.; Narva, Andrew S.
2010-06-01

Resumo em português ANTECEDENTES: A excreção urinária de albumina indica lesão nos rins e é reconhecida como fator de risco para a progressão das doenças renal e cardiovascular. A dosagem da albumina urinária chama a atenção sobre a necessidade clínica de relatos de resultados precisos e claramente descritos. O National Kidney Disease Education Program e a Federação Internacional de Química Clínica e Medicina Laboratorial (IFCC) reuniram-se para avaliar o estado atual das ques (mais) tões pré-analíticas, analíticas e pós-analíticas que afetam as dosagens da albumina na urina e para identificar as áreas que necessitam de melhorias. CONTEÚDO: A química da albumina na urina não é completamente compreendida. Diretrizes atuais recomendam a utilização da relação albumina/creatinina (RAC) como substituta para a coleta de amostras cronometradas de urina, frequentemente inadequadas. Os resultados da RAC são afetados pela preparação do paciente, pela hora do dia da coleta das amostras e não é padronizada. Foram relatadas consideráveis diferenças intermétodos para a dosagem tanto de albumina quanto de creatinina, mas a verdade é desconhecida, porque não existem procedimentos de referência para a dosagem de albumina e não há materiais de referência para qualquer um desses analitos na urina. Os intervalos de referência recomendados para a RAC não consideram as grandes diferenças intergrupos na excreção da creatinina (por exemplo, relacionadas com diferenças em idade, sexo e etnia), nem o aumento contínuo no risco relacionado com a excreção de albumina. DISCUSSÃO: Necessidades clínicas foram identificadas para a padronização de (a) métodos de coleta da urina, (b) dosagens de albumina e de creatinina na urina com base em um sistema de referência completo, (c) relatórios dos resultados dos testes e (d) intervalos de referência para a RAC. Resumo em inglês BACKGROUND: Urinary excretion of albumin indicates kidney damage and is recognized as a risk factor for progression of kidney disease and cardiovascular disease. The role of urinary albumin measurements has focused attention on the clinical need for accurate and clearly reported results. The National Kidney Disease Education Program and the IFCC convened a conference to assess the current state of preanalytical, analytical, and postanalytical issues affecting urine albumi (mais) n measurements and to identify areas needing improvement. CONTENT: The chemistry of albumin in urine is incompletely understood. Current guidelines recommend the use of the albumin/creatinine ratio (ACR) as a surrogate for the error-prone collection of timed urine samples. Although ACR results are affected by patient preparation and time of day of sample collection, neither is standardized. Considerable intermethod differences have been reported for both albumin and creatinine measurement, but trueness is unknown because there are no reference measurement procedures for albumin and no reference materials for either analyte in urine. The recommended reference intervals for the ACR do not take into account the large intergroup differences in creatinine excretion (e.g., related to differences in age, sex, and ethnicity) nor the continuous increase in risk related to albumin excretion. DISCUSSION: Clinical needs have been identified for standardization of (a) urine collection methods, (b) urine albumin and creatinine measurements based on a complete reference system, (c) reporting of test results, and (d) reference intervals for the ACR.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

45

Freqüência de síndrome metabólica em pacientes com nefrite lúpica/ Frequency of metabolic syndrome in patients with lupus nephritis

Cunha, Bernardo Matos da; Klumb, Evandro Mendes; Moura, Jaqueline Quintanilha; Santos, Amanda; Pinheiro, Geraldo da Rocha Castelar; Albuquerque, Elisa M. N.; Levy, Roger Abramino
2008-10-01

Resumo em português INTRODUÇÃO: Os pacientes com lúpus eritematoso sistêmico (LES) apresentam morbimortalidade importante por doenças cardiovasculares (DCV). A síndrome metabólica (SM) é um transtorno complexo representado por um conjunto de fatores de risco para DCV. OBJETIVOS: Avaliar a prevalência de SM em uma coorte de pacientes com nefrite lúpica em seguimento em um hospital universitário brasileiro, e o seu impacto na doença, além da freqüência de cada fator de risco car (mais) diovascular analisado individualmente. MÉTODOS: Quarenta e seis pacientes com nefrite lúpica foram estudados e classificados de acordo o critério para SM da National Cholesterol Education Program - Adult Treatment Panel III (NCEP-ATP III). RESULTADOS: A SM esteve presente em 30,4% dos pacientes. Foi observada correlação linear entre a presença de SM e níveis baixos de depuração de creatinina e valores altos de creatinina sérica (p Resumo em inglês INTRODUCTION: patients with systemic lupus erythematosus (SLE) have n increased morbidity due to cardiovascular diseases (CVD). Metabolic syndrome (MS) is a complex syndrome composed by a cluster of cardiovascular risk factors. OBJECTIVES: study the prevalence of MS in a cohort of Brazilian patients with lupus nephritis in a university hospital; evaluate its impact in disease outcome, and the frequency of each specific risk factor. METHODS: 46 patients with lupus nephriti (mais) s were studied and defined as having or not MS in accordance with the National Cholesterol Education Program - Adult Treatment Panel III (NCEP-ATP III) criteria. RESULTS: MS was present in 30.4% of patients. There was significant association between MS presence and low levels of creatinine clearance and high levels of blood creatinine (p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

46

Padronização do método para cálculo da captação renal absoluta do99mTc-DMSA em cria/ Standardization of a method to calculate absolute renal uptake of 99mTc-DMSA in children

Ono, Carla Rachel; Sapienza, Marcelo Tatit; Machado, Beatriz Marcondes; Pahl, Márcia Melo Campos; Liberato Jr., Waldyr de Paula; Okamoto, Miriam Roseli Yoshie; Garcez, Alexandre Teles; Watanabe, Tomoco; Costa, Paulo Luiz Aguirre; Buchpiguel, Carlos Alberto
2006-02-01

Resumo em português OBJETIVO: O trabalho teve por objetivo padronizar o método e estabelecer valores normais da captação renal absoluta do99mTc-DMSA em crianças. MATERIAIS E MÉTODOS: Vinte e duas crianças (idade de 7 meses a 10 anos; média de 4,5 anos) sem doença renal prévia foram submetidas a cintilografia renal estática com 99mTc-DMSA. Dezoito apresentavam ultra-sonografia, uretrocistografia miccional, "clearance" de creatinina e padrão visual da cintilografia renal estática n (mais) ormais. Quatro crianças foram excluídas por não terem completado ou por apresentarem redução do "clearance" de creatinina. A captação absoluta de DMSA (DMSA-Abs) foi calculada como a porcentagem da atividade administrada retida em cada rim após seis horas da administração do radiofármaco. RESULTADOS: Os valores de DMSA-Abs foram de 21,8% ± 3,2% para o rim direito e de 23,1% ± 3,3% para o rim esquerdo. Os valores da captação absoluta não mostraram correlação com a idade dos pacientes estudados, apesar da tendência de aumento do "clearance" de creatinina com a idade. CONCLUSÃO: A definição de valores normais da DMSA-Abs permite o emprego deste parâmetro na avaliação inicial e acompanhamento de doenças renais, principalmente em pacientes com acometimento bilateral ou com rim único (nos quais a função diferencial direita X esquerda tem valor limitado). Resumo em inglês OBJECTIVE: To standardize a method and determine normal values for absolute renal uptake of 99mTc-DMSA in children with normal creatinine clearance. MATERIALS AND METHODS: Twenty-two children (between 7 months and 10 years of age; mean 4.5 years) without clinical evidence of renal disease were studied using 99mTc-DMSA scintigraphy. Eighteen had normal renal ultrasonography, micturating urethrocystography, creatinine clearance and visual interpretation of the scintigraphy (mais) with 99mTc-DMSA. Four children were excluded, one with incomplete creatinine clearance and three due to reduction in the creatinine clearance. Absolute renal uptake of 99mTc-DMSA (DMSA-Abs) was expressed as the fraction of the administered dose retained by each kidney six hours after administration of the radiopharmaceutical. RESULTS: DMSA-Abs was 21.8 ± 3.2% for the right kidney and 23.1 ±3.3% for the left kidney. There was no correlation between renal uptake and the age groups studied, although there was a tendency to an increase in the creatinine clearance with age. CONCLUSION: Normal values of DMSA-Abs can be used as an additional parameter for the initial diagnostic evaluation and during follow-up of renal diseases, mainly when bilateral impairment of renal function is suspected or in a patient with a single functioning kidney (in which renal differential function is of limited value).

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

47

Detecção precoce da nefropatia diabética/ Early detection of diabetic nephropathy

Murussi, Marcia; Murussi, Nádia; Campagnolo, Nicole; Silveiro, Sandra Pinho
2008-04-01

Resumo em português Em virtude do prognóstico desfavorável das fases avançadas da nefropatia diabética (ND), o ideal é identificar o envolvimento renal de maneira precoce. A recomendação é a medida anual da excreção urinária de albumina (EUA), em amostras de urina casual, para detectar os estágios da ND [microalbuminúria (EUA 17-174 mg/l ou 30 a 300 mg albumina/g de creatinina) e macroalbuminúria (> 174 mg/l ou > 300 mg/g)]. No entanto, tem sido sugerido que níveis de EUA abai (mais) xo dos de consenso já seriam indicativos de risco de progressão renal e de mortalidade aumentada, devendo ser revisados esses pontos de corte. Uma quantidade expressiva da EUA, a fração não imunorreativa, não é detectada pelos métodos convencionais, e HPLC poderá ser mais sensível para identificar dano renal, medindo EUA total (imuno + não-imunorreativa). Outra observação recente é a presença de diminuição da taxa de filtração glomerular (TFG) mesmo em normoalbuminúricos. Portanto, além da EUA, recomenda-se estimar a TFG com equação empregando creatinina, como a do estudo Modification of Diet in Renal Disease (MDRD), disponível em www.mdrd.com. Em razão das conhecidas limitações da creatinina, marcadores endógenos alternativos estão em investigação, sendo a cistatina C um marcador promissor. Finalmente, novas estratégias que poderão ser ainda mais precoces para detecção da ND incluem biomarcadores, como proteoma, definindo um perfil de proteínas urinárias que identifiquem risco subseqüente de doença renal. Resumo em inglês Due to the unfavorable prognosis of advanced stages of diabetic nephropathy (DN), the ideal approach is to identify renal involvement as early as possible. It is recommended to measure urinary albumin excretion (UAE) annually, in random urine samples, in order to detect the stages of DN [microalbuminuria (UAE 17-174 mg/l or 30-300 mg albumin/g of creatinine) and macroalbuminuria (> 174 mg/l or > 300 mg/g)]. However, it has been suggested that UAE levels below the threshol (mais) d of consensus could already signal the risk for DN progression and increased mortality, indicating the need to revise cutoff values. As a substantial amount of UAE (the immunounreactive fraction), is not detected by conventional methods, HPLC would be more sensitive to identify the presence of damage by measuring total UAE (immunoreactive + immunounreactive). Another recent observation is that diminished glomerular filtration rates (GFR) occurs in the presence of normoalbuminuria. Therefore, besides evaluating UAE, it is recommended to estimate GFR with equations employing creatinine; such as the Modification of Diet in Renal Disease (MDRD) study, available at www.mdrd.com. Owing to the known limitations of creatinine, alternative endogenous markers are being studied, and cystatin-C is a promising marker under investigation. Finally, new strategies that could detect DN even earlier, include biomarkers such as proteomics, defining a profile of urinary protein excretion able to identify the subsequent risk of renal disease.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

48

Doença parenquimatosa renal: correlação histológico-sonográfica/ Renal parenchymal disease: histopathologic-sonographic correlation

Araújo, Nordeval Cavalcante; Rioja, Lilimar da Silveira; Rebelo, Maria Alice Puga
2008-02-01

Resumo em português OBJETIVO: Este estudo foi planejado para avaliar a correlação da ecografia do rim com as lesões histológicas e com os achados clínico-laboratoriais na doença parenquimatosa renal, por análise de regressão logística multivariada. MÉTODOS: Os dados clínicos, laboratoriais, ecográficos e as biópsias foram avaliados em 154 pacientes. A ecogenicidade cortical foi graduada como menor que grau zero, igual a grau um ou maior que grau dois a do parênquima hepático o (mais) u esplênico. As lesões histológicas - proliferação mesangial (PM), permeação leucocitária (PL), crescente e necrose fibrinóide (CNF), infiltrado inflamatório intersticial (II), esclerose glomerular segmentar (ES), obsolescência glomerular (OG), atrofia tubular (AT), fibrose intersticial (FI) e edema intersticial (EI) - foram graduadas de acordo com a extensão, em normal (0%), leve (25% 50%). RESULTADOS: a) II, FI, ES, EI e creatinina elevada ocorreram menos no grau 0 de ecogenicidade cortical; b) PM, hipertensão arterial e espessura normal do parênquima foram preditores do grau 1 de ecogenicidade cortical; c) FI, EI, creatinina elevada e parênquima fino foram preditores do grau 2 de ecogenicidade cortical; d) Excluindos os obesos, em jovens com hematócrito baixo, a pirâmide proeminente foi mais comum; e) Creatinina elevada e OG foram preditores de rins pequenos. CONCLUSÃO: A ecogenicidade cortical foi um sensível marcador de doença parenquimatosa renal. Lesões distintas mais do que o grau de severidade da lesão contribuiram para o aumento da ecogenicidade cortical. O EI aumenta exponencialmente o efeito da FI na ecogenicidade cortical. Resumo em inglês PURPOSE: This study was designed to address the correlation between sonography of a kidney with histological lesions and clinical findings in patients with renal parenchymal disease based on a multivariate logistic regression analysis. METHODS: Clinical and laboratory data, sonograms and renal biopsies were evaluated in 154 patients. Cortical echogenicity was graded as less than (0), equal to (1) or greater than (2) liver/spleen parenchyma. Histological lesions - mesangia (mais) l proliferation (MP), leukocyte permeation (LP), fibrinoid necrosis and crescents (FNC), interstitial infiltrate (II), segmental glomerular sclerosis (SGS), glomerular obsolescence (GO), tubular atrophy (TA) interstitial fibrosis (IF) and interstitial edema (IE) - were graded according to extension and severity as normal (0%), mild (25% 50%). RESULTS: a) II, IF, SGS, IE and increased creatinine occurred less in cortical echogenicity grade 0; b) MP, arterial hypertension and normal parenchymal thickness predict cortical echogenicity grade 1; c) IF, IE, increased creatinine and thin parenchyma predict occurrence of echogenicity grade 2; d) Excluding obese patients, both youth and hematocrit accounted for pyramid prominence; e) increased creatinine and GO was probable in patients with small kidneys. CONCLUSIONS: Increased cortical echogenicity was a very sensitive marker of renal parenchymal disease. Different lesions rather than degree of lesion severity accounted for progressive increase of cortical echogenicity. IE exponentially increased the effect of IF on cortical echogenicity.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

49

Importância da avaliação bioquímica mensal na triagem de pacientes com desnutrição em hemodiálise/ Importance of the monthly biochemical evaluation to identify patients on hemodialysis with malnutrition

Castro, Manuel Carlos Martins de; Oliveira, Flávia Chiaradia Andrade de; Silveira, Ana Castello Branco da; Gonzaga, Kátia de Barros Correia; Xagoraris, Magdaleni; Centeno, Jerônimo Ruiz; Souza, José Adilson Camargo de
2010-12-01

Resumo em português INTRODUÇÃO: A desnutrição é uma complicação frequente nos pacientes em hemodiálise, sendo o diagnóstico precoce importante para reduzir as taxas de morbidade e mortalidade do tratamento. OBJETIVO: Investigar a utilidade dos exames bioquímicos mensais realizados na hemodiálise para triagem de pacientes com desnutrição. MÉTODOS: O diagnóstico nutricional de 252 pacientes foi feito através da avaliação objetiva e subjetiva global, classificando-os em desnut (mais) ridos e não desnutridos. Paralelamente, durante 4 meses consecutivos, as concentrates de creatinina, fósforo, ureia pré-e pósdiálise e o Kt/V foram registradas para cálculo das médias. Após análise dessas variáveis através da curva ROC, calculouse a sensibilidade e a especificidade na identificação dos pacientes com desnutrição. RESULTADOS: Na curva ROC, a área sob a curva para a ureia foi de 0,683, para o fósforo 0,71, para o Kt/V 0,724 e para a creatinina 0,765. Para valores de ureia Resumo em inglês INTRODUCTION: Malnutrition is a frequent complication in patients on hemodialysis and early diagnosis is important to reduce the morbidity and mortality of treatment. OBJECTIVE: To investigate the usefulness of biochemical tests performed monthly in order to identify hemodialysis patients with malnutrition. METHODS: The nutritional status of 252 patients was evaluated by objective and subjective global assessment, and the patients classified as malnourished and not malnou (mais) rished. Then, during 4 consecutive months, serum creatinine, phosphorus, urea pre-and post-dialysis and Kt/V were recorded for calculation of averages. After analysis of these variables by the RO C curve we calculated the sensitivity and specificity of these parameters to identify patients with malnutrition. RESULTS: In ROC curve, the area under the curve for urea was 0.683, 0.71 for phosphorus, 0.724 for Kt/V and 0.765 for creatinine. For values of urea

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

50

O recordatório de 24 horas como instrumento na avaliação do consumo alimentar de cálcio, fósforo e vitamina D em crianças e adolescentes de baixa estatura/ The 24-hour recall for the assessment of dietary calcium, phosphorus and vitamin D intakes in stunted children and adolescents

Bueno, Aline Lopes; Czepielewski, Mauro Antônio
2010-02-01

Resumo em português OBJETIVO: Verificar em que medida o Recordatório Alimentar de 24 horas como instrumento de avaliação do consumo alimentar contribui para a avaliação de parâmetros biológicos envolvidos no metabolismo de cálcio, fósforo e vitamina D em crianças e adolescentes de baixa estatura. MÉTODOS: Foram avaliados 59 crianças e adolescentes com baixa estatura do Ambulatório de Baixa Estatura do Serviço de Endocrinologia do Hospital das Clínicas de Porto Alegre. Causas o (mais) rgânicas, genéticas e endócrinas de baixa estatura foram excluídas da avaliação. Foram dosados cálcio, fósforo, creatinina, vitamina D, paratormônio fosfatase alcalina no soro e cálcio, fósforo, creatinina e sódio em urina de Recordatório Alimentar de 24h foi empregado para estimar o consumo dietético. RESULTADOS: Foi constatada ingestão reduzida de cálcio e vitamina D, em relação ao recomendado para idade e sexo. Verificou-se correlação negativa entre paratormônio e vitamina D dietética (r= -0,46; p Resumo em inglês OBJECTIVE: The objective of this study was to verify the extent to which the 24 hour recall, used as a tool to assess dietary intake, contributes to the assessment of biological parameters involved in the metabolism of calcium, phosphorus and vitamin D in stunted children and adolescents. METHODS: A total of 59 stunted children and adolescents seen at the outpatient clinic that specializes in stunting of the Endocrinology Service of Hospital das Clínicas in Porto Alegre, (mais) were assessed. Organic, genetic and endocrine causes of stunting were excluded from the assessment. Serum calcium, phosphorus, creatinine, vitamin D, parathormone and alkaline phosphatase and urine calcium, phosphorus, creatinine and sodium were measured. The 24 hour recall was used to determine dietary intake of these nutrients. RESULTS: Calcium and vitamin D intakes were low according to the values recommended for the two genders and studied age groups. There was a negative correlation between parathormone and dietary vitamin D (r= -0.46; p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

51

Hiperoxalúria primária com insuficiência renal crônica terminal em lactente/ Primary hyperoxaluria with endstage renal failure in an infant

Macedo, Célia S.; Yoshida, Eneida M.; Viero, Rosa Marlene; Riyuzo, Márcia C.; Bastos, Herculano D.
2002-04-01

Resumo em português Objetivo: descrever caso clínico de um lactente com insuficiência renal crônica terminal, causada por hiperoxalúria primária.Método: após revisão da literatura, verifica-se a raridade da doença; na França, a prevalência é de 1,05/milhão, com taxa de incidência de 0,12/milhão/ano. Pesquisa abordando centros especializados mundiais detectou, em 1999, 78 casos em lactentes; destes, em 14% o quadro inicial foi de uremia. A gravidade e a raridade da doença suge (mais) rem o relato deste caso.Resultados: criança de sexo feminino, com quadro de vômitos e baixo ganho de peso desde os primeiros meses de vida, desenvolveu insuficiência renal terminal aos 6 meses de idade, sendo mantida em tratamento dialítico desde então. Aos 8 meses, foi encaminhada para esclarecimento diagnóstico, apresentando déficit pôndero-estatural grave e os seguintes exames laboratoriais: uréia= 69 mg/dl, creatinina=2,2 mg/dl e clearance de creatinina= 12,5 ml/min/1.73m²SC. O exame de urina foi normal, a ultra-sonografia renal revelou tamanho normal e hiperecogenicidade de ambos os rins. A dosagem de oxalato urinário foi de 9,2mg/kg/dia ou 0,55 mmol/1.73m²SC, e a relação oxalato:creatinina, de 0,42. A biópsia renal diagnosticou presença de grande quantidade de depósitos de cristais de oxalato de cálcio no parênquima renal. A radiografia de ossos longos evidenciou sinais sugestivos de osteopatia oxalótica, e a fundoscopia indireta, sinais de retinopatia por oxalato. A criança foi mantida em diálise peritoneal ambulatorial contínua, tendo sido iniciado tratamento com piridoxina.Conclusões: a hiperoxalúria primária deve ser considerada como um dos diagnósticos diferenciais de insuficiência renal crônica em lactentes, especialmente na ausência de história sugestiva de outras patologias. Resumo em inglês Objective: to report a case of an infant with endstage renal failure caused by primary hyperoxaluria. Methods: the review of the literature showed the rarity of the disease. In France, the prevalence is about 1.05/million and the incidence rate is 0.12/million/year. A survey, performed in international specialized centers in 1999, documented 78 cases in infants; in 14% of them the initial onset symptom was uremia. The rarity and severity of the disease justify the descrip (mais) tion of this case.Results: a girl presenting vomiting and failure to thrive within the first months of life developed endstage renal failure at 6 months of age. She was being treated with dialysis. At 8 months of age, she was referred for investigation. She was undernourished and the laboratory examinations showed urea (69mg/dl), creatinine (2.2 mg/dl) and creatinine clearance (12.5 ml/min/1.73m²SA). The routine urinalysis was normal, the renal ultrasound showed increased echogenicity in both kidneys; the dosage of urinary oxalate was 9.2mg/kg/day or 0.55mmol/1.73m²SA; the urinary oxalate/creatinine ratio was 0.42. Renal biopsy showed calcium oxalate crystals throughout the renal parenchyma. The radiograph of long bones showed osteopathy and the ophthalmic examination showed flecked retinopathy. The child was treated with continuous ambulatory peritoneal dialysis and administration of pyridoxine was initiated.Conclusions: primary hyperoxaluria should be considered as a differential diagnosis for endstage renal failure in infants, especially if there are no symptoms of other diseases.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

52

Prevalência da doença renal crônica nos estágios 3, 4 e 5 em adultos/ Prevalence of chronic kidney disease, stages 3, 4 and 5 in adults

Bastos, Rita Maria Rodrigues; Bastos, Marcus Gomes; Ribeiro, Luís Cláudio; Bastos, Ricardo Villela; Teixeira, Maria Teresa Bustamante
2009-01-01

Resumo em português INTRODUÇÃO: Medidas que otimizem a detecção precoce da doença renal crônica (DRC) são fundamentais para o retardo na evolução da doença e diminuição do aporte de indivíduos às terapias renais de substituição. OBJETIVOS: Estimar a prevalência da DRC em seus estágios 3, 4 e 5, utilizando registros laboratoriais de indivíduos submetidos a dosagem de creatinina sérica por causas diversas em laboratório da rede particular do município de Juiz de Fora, no (mais) período de 2004 e 2005. MÉTODOS: O estudo foi consubstanciado pelo cálculo estimado da filtração glomerular, utilizando a equação do estudo MDRD (Modification of diet in renal disease), e seguiu os critérios propostos pelo K/DOQI (Kidney Disease Outcomes Quality Initiative) para o diagnóstico e classificação da DRC. RESULTADOS: A prevalência encontrada foi de 9,6%, sendo 12,2% no sexo feminino, 5,8% no sexo masculino, 3,7% em indivíduos abaixo de 60 anos e 25,2% acima de 60 anos. CONCLUSÃO: Os resultados evidenciam a prevalência da DRC não apenas como um indicador epidemiológico, mas demonstram um aspecto operacional alternativo para otimizar a capacidade de detecção dos casos e permitem sugerir a inclusão do cálculo da filtração glomerular como um dado complementar aos resultados das dosagens de creatinina sérica fornecidos pelos laboratórios. Resumo em inglês INTRODUCTION: Strategies that optimize early diagnosis of chronic kidney disease (CKD) are paramount to decrease progression of the disease and the burden of patients needing renal replacement therapy. OBJECTIVE: The aim of this study was to determine the prevalence of CKD stage 3, 4 and 5 in people submitted to dosage of serum creatinine due to different causes, employing a dataset from a private laboratory of the city of Juiz de Fora comprising the years 2004 and 2005. (mais) METHODS: Diagnosis and staging of CKD were based upon glomerular filtration rate (GFR) estimated from serum creatinine as recommended by the KDOQI of the National Kidney Foundation and the Brazilian Society of Nephrology. RESULTS: Prevalence of CKD stage 3, 4 and 5 was of 9.6%, with 12.2%, 5.8%, 25.2% and 3.7% among women, men, people >60 and

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

53

Fibrose sistêmica nefrogênica: uma complicação grave do uso do gadolínio em pacientes com insuficiência renal/ Nephrogenic systemic fibrosis: a severe complication of use to gadolinium in patients with kidney failure

Mundim, Juliano Sacramento; Lorena, Sabrina de Castro; Abensur, Hugo; Elias, Rosilene Motta; Moysés, Rosa Maria Affonso; Castro, Manuel Carlos Martins de; Romão Júnior, João Egídio
2009-01-01

Resumo em português Fibrose sistêmica nefrogênica (FSN), também conhecida como dermopatia fibrosante nefrogênica (DFN), é uma condição que ocorre apenas em pacientes com disfunção renal. Além das lesões cutâneas, esta síndrome inclui fibrose de músculo esquelético, articulações, fígado, pulmão e coração e pode ser fatal. Esta doença foi primeiramente descrita em 1997 e vários estudos descrevem a relação etiológica da FSN com a exposição a agentes de contraste cont (mais) endo gadolínio, usado em exames de ressonância magnética. Esta revisão tem como objetivo alertar médicos clínicos e nefrologistas sobre essa nova patologia que acomete pacientes com alteração da função renal, demonstrando aspectos demográficos e epidemiológicos, apresentação clínica, diagnóstico e prognóstico além das opções de prevenção e terapêuticas atuais. Concluímos que todo paciente apresentando creatinina sérica elevada deve ter sua função renal (clearance de creatinina) estimada, visando a segurança na realização da ressonância magnética. Resumo em inglês Nephrogenic systemic fibrosis (NSF), also known as nephrogenic fibrosing dermopathy (NFD), is a condition that has occurred only in patients with renal insufficiency. Besides lesions of the skin, this syndrome include fibrosis of skeletal muscle, joints, liver, lung, and heart, with possible fatal outcomes. This disease was first described in 1997 and several reports described the development of NSF after the exposure to gadolinium-based magnetic resonance imaging contras (mais) t agents. This review aims to alert physicians and nephrologists about this new pathology that affects patients with renal dysfunction, describing its demographic and epidemiologics aspects, clinic presentation, diagnosis and prognosis, beyond options to prevent and current treatment. We concluded that in all patient with elevated serum creatinine physicians should estimade his kidney function (creatinine clearence) in order to safety of magnetic resonance.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

54

Miosite e rabdomiólise na doença mão-pé-boca na infância/ Myositis and rhabdomyolysis in hand-foot-mouth disease in childhood

Vaisbich, Maria Helena; Tozze, Roberto; Baldacci, Evandro Roberto
2010-03-01

Resumo em português OBJETIVO: Relatar um caso de doença mão-pé-boca complicada por miosite, rabdomiólise e hepatite, interessante por ser a doença frequente em crianças e poder apresentar complicações graves, apesar de raras. DESCRIÇÃO DO CASO: Paciente de três anos de idade, sexo feminino, com história de febre por três dias, seguida pelo aparecimento de lesões ulceradas em mucosa oral e mialgia intensa. Após três dias, voltou a apresentar febre por mais dois dias (febre bif (mais) ásica). Nesses dois dias, apresentou lesões eritematosas pelo corpo, principalmente nos pés, mãos e face, e procurou atendimento médico. Evoluiu com aumento de enzimas musculares e hepáticas (CPK com valor máximo de 345.007U/L, TGO 2041U/L, TGP 1589U/L, gama-GT 94U/L) e aumento transitório da creatinina sérica, com clearance de creatinina estimado pela estatura de 73mL/minuto/1,73m2 de superfície corporal. Houve melhora progressiva, com hidratação vigorosa e alcalinização da urina, sem necessidade de diálise. COMENTÁRIOS: Trata-se de uma criança com doença mão-pé-boca, com miosite, rabdomiólise e hepatite. São enfatizados os critérios clínicos laboratoriais para o diagnóstico e a importância da monitorização das complicações da doença Resumo em inglês OBJECTIVE: To report a hand-foot-mouth disease case, complicated by myositis, rhabdomyolisis and hepatitis, since this is a common disease in children and can result in rare but severe complications. CASE DESCRIPTION: A three-year-old girl with fever for three days, followed by the appearance of ulcerative lesions in the oral mucosa and severe muscular pain; after three days, she presented fever for two more days. At the same time, she had widespread erythematosus rash, e (mais) specially in her hands, feet and face. She presented high levels of muscular and hepatic enzymes (maximum value of CPK 345.007IU/L, AST 2041IU/L, ALT 1589IU/L, GT 94IU/L), and transitory increase in serum creatinine (maximum value of 0.73mg/dL, creatinine clearance by Schwartz formula of 73mL/minute/1.73m2 of body surface). The patient improved progressively after vigorous hydration and urine alkalinization with sodium bicarbonate, without dialysis. COMMENTS: This is a case report of a child with hand-foot-mouth disease with myositis, rhabdomyolisis and hepatitis. Clinical and laboratory criteria for the diagnosis and the need to monitor complications are reviewed in this report

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

55

Evolução para hipertensão arterial em pacientes com diabetes tipo 1/ Type 1 diabetic patients evolution to hypertension

Cobas, Roberta; Santos, Bráulio; Braga, Luiza; Cunha, Edna Ferreira; Gomes, Marilia de Brito
2008-06-01

Resumo em português OBJETIVO: Determinar a evolução para hipertensão arterial (HA) e pré-hipertensão em pacientes diabéticos tipo 1 e os fatores preditores dos níveis pressóricos finais. MÉTODOS: Estudo observacional contendo 127 diabéticos tipo 1 avaliados clínica e laboratorialmente e seguidos por 5 (2,4-9,2) anos. RESULTADOS: Dos pacientes inicialmente normotensos, 21,7% desenvolve-ram pré-hipertensão, 4,7% HA e 73,6% permaneceram normotensos. Dos pré-hipertensos, 35% normal (mais) izaram níveis pressóricos, 50% permanece-ram pré-hipertensos e 15% desenvolveram HA. O risco relativo de desenvolver HA foi de 3,2 (0,8-12,3) no grupo pré-hipertenso comparado ao grupo normotenso. As prevalências de pré-hipertensão e hipertensão aumentaram de 15,7% para 26% e de 0,8% para 7%, respectivamente, durante o seguimento. Níveis iniciais de creatinina sérica foram preditores dos níveis finais de pressão arterial diastólica e sistólica. CONCLUSÃO: Destaca-se a necessidade de estabelecer vigilância quanto aos níveis pressóricos e de creatinina sérica, mesmo quando estes ainda se encontram dentro da faixa de normalidade no intuito de minimizar os efeitos deletérios da HA no desenvolvimento de nefropatia e doenças cardiovasculares. Resumo em inglês PURPOSE: Check the evolution of type 1(T1) diabetic patients to hypertension and prehypertension and baseline factors related to final blood pressure levels (BP). METHODS: Observational study involving 127 T1 diabetic patients submitted to clinical and laboratorial evaluation and followed by for 5 (2.4-9.2) years. RESULTS: From the initially normotensive patients, 21.7% developed prehypertension, 4.7% developed hypertension and 73.6% remained with normal BP. From the preh (mais) ypertensive patients, 35% returned to normal BP, 50% remained prehypertensive and 15% developed hypertension. The relative risk for hypertension development was 3.2 (0.8-12.3) in the prehypertensive compared to the normotensive group. The prevalence of prehypertension and hypertension increased from 15.7% to 26% and 0.8% to 7% respectively. Levels of serum creatinine predicted final levels of systolic and diastolic BP. CONCLUSION: It is emphasized the importance of renal function and BP evaluation even when they are in normal range to minimize the deleterious effects of hypertension in the development of nephropathy and cardiovascular disease.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

56

Alterações renais nas doenças falciformes/ Renal abnormalities in sickle cell disease

Magalhães, Isis Q.
2007-09-01

Resumo em português A doença falciforme associa-se a anormalidades renais estruturais glomerulares e tubulares, alterações hemodinâmicas e da síntese dos hormônios renais (eritropoetina, renina e prostaglandinas). Estas se iniciam na infância, em conseqüência da anemia crônica, fluxo sangüíneo aumentado, e eventos de veno-oclusão intraparenquimatosos, principalmente na medular renal. Na doença SS, a taxa de filtração glomerular encontra-se elevada desde os primeiros anos de v (mais) ida e decresce com a idade. Decorrente de anormalidade tubular distal está a hipostenúria com as manifestações clínicas de poliúria, noctúria, enurese e susceptibilidade a desidratação, diminuição da capacidade de acidificar urina e excretar potássio. As anormalidades de túbulo proximal se traduzem por secreção aumentada de creatinina e ácido úrico, reabsorção aumentada de fosfatos e b2-microglobulina. A hipersecreção de creatinina superestima a taxa de filtração glomerular (FG), tornando o clearance de creatinina impróprio como detector precoce da deterioração da função renal. A proteinúria ocorre em 29%-50% dos pacientes acima de 10 anos de idade; 2/3 destes evoluem para insuficiência renal crônica de evolução ruim. A literatura apresenta benefícios consistentes com o uso de inibidores de enzimas conversoras de angiotensina (IECA) na redução da proteinúria, que talvez tenha impacto na progressão da insuficiência renal. Microalbuminúria (MA) é um marcador sensível da glomerulopatia falcêmica que precede a proteinúria. Na população pediátrica documenta-se prevalência de 19%, estando associado com idade, síndrome torácica aguda, níveis de Hb baixos e altas de leucometrias. Recomenda-se screening para MA a partir de 10 anos de idade. Em andamento estudo multicêntrico com uso precoce de hidroxiuréia na prevenção das lesões orgânicas crônicas (Baby HUG). Resumo em inglês Sickle cell disease is associated with glomerular and tabular structural abnormalities, hemodynamic changes and renal hormone synthesis alterations (erythropoietin, renin, prostaglandins). These changes appear in childhood with consequences including chronic anemia, increased blood flow and vaso-occlusion, especially within the renal medulla. In SS disease, the glomerular filtration rate (GFR) is markedly higher in young patients but this drops with age. As a consequence (mais) of abnormalities in the distal nephron function there is reduced capacity of urine acidification, potassium excretion and hyposthenuria. Among the clinical effects of the latter are polyuria, nocturia, enuresis and a susceptability for dehydration. Abnormalities of the proximal tubular function include increased reabsorption of phosphates and b2 microglobulin and incresed secretion of uric acid and creatinine. For this reason, creatinine clearance significantly overestimates the glomerular filtration rate making creatinine learance inappropriate to detect early renal function impairment. Proteinuria occurs in 29-50% of over 10-years-old SS patients with 2/3 progressing to chronic renal failure. The use of angiotensin-converting enzyme inhibitor proves to be successful to reduce proteinuria which may have an impact of the progression of renal failure. Microalbuminuria is a sensitive marker of sickle nephropathy that precedes proteinuria. In pediatric population a prevalence of 19% of microbuminuria was observed; a percentage that increases with age and has a positive association with lower hemoglobin levels, higher leucocyte counts and acute chest syndrome. Screening for microalbuminuria is recommended from the age of 10 years old. A multicentric trial is ongoing with the aim of demonstrate potential benefits of early hydroxyurea therapy in the prevention of chronic organic lesions. (BabyHUG).

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

57

Diagnóstico nutricional de pacientes em hemodiálise na cidade de São Luís (MA)/ Nutritional diagnosis of patients undergoing haemodialysis in the city of São Luís (MA), Brazil

Calado, Isabela Leal; Silva, Antônio Augusto Moura da; França, Ana Karina Teixeira da Cunha; Santos, Alcione Miranda dos; Salgado Filho, Natalino
2009-10-01

Resumo em português OBJETIVO: Avaliar o estado nutricional de pacientes em hemodiálise na cidade de São Luís (MA). MÉTODOS: Foram avaliados 399 pacientes dos três centros de diálise da cidade, que preencheram os seguintes critérios de inclusão: possuir idade maior ou igual a 18 anos, encontrar-se em tratamento hemodialítico três vezes na semana há no mínimo três meses, não ser portador de doenças consumptivas. Para avaliação do estado nutricional foram utilizados índice de (mais) massa corporal, circunferência muscular do braço, prega cutânea tricipital, percentual de gordura corporal, níveis séricos de albumina, creatinina, colesterol total e avaliação subjetiva global. RESULTADOS: Os pacientes (idade de 49,6 anos, DP=15,6, sendo 248 homens) apresentaram eutrofia, quando avaliados por meio do índice de massa corporal (62,5%) e pelo percentual de gordura corporal (54,9%), e desnutrição, segundo a circunferência muscular do braço (63,0%) e a prega cutânea tricipital (63,0%). A medida da circunferência muscular do braço evidenciou maior proporção de desnutrição nos homens (75,9%), enquanto que a da prega cutânea tricipital nas mulheres (72,7%). O nível sérico de albumina ficou abaixo de 4,0g/dL em 67% dos pacientes estudados. A população como um todo apresentou níveis séricos de creatinina dentro do esperado e de colesterol total na faixa mínima de normalidade. A avaliação subjetiva global demonstrou desnutrição em 61,0% dos pacientes. CONCLUSÃO: A maior parte da população estudada foi classificada como desnutrida, considerando os critérios de circunferência muscular do braço, prega cutânea tricipital, avaliação subjetiva global e albumina, e em risco nutricional, considerando os critérios bioquímicos creatinina e colesterol total. Estes dados indicam a necessidade de medidas para melhoria do estado nutricional desta população. Resumo em inglês OBJECTIVE: The objective was to evaluate the nutritional status of patients undergoing hemodialysis in São Luís (MA). METHODS: A total of 399 patients (mean age 49.6 years; standard deviation 15.6; 248 males) were assessed from three dialysis centers in the city. The inclusion criteria were the following: age 18 years or older, undergoing hemodialysis at least three times per week for at least the last three months, and not having any wasting diseases. The following dat (mais) a were collected to assess nutritional status: body mass index, mid-arm muscle circumference, triceps skinfold thickness, percentage of body fat (%BF), serum albumin, creatinine and total cholesterol, and subjective global assessment. RESULTS: Most patients were within the normal weight range according to body mass index (62.5%) and percentage of body fat (54.9%). Meanwhile, most were malnourished according to the mid-arm muscle circumference (63.0%) and triceps skinfold thickness (63.0%). According to the mid-arm muscle circumference, malnutrition was more prevalent in men (75.9%), whereas according to the triceps skinfold thickness, malnutrition was more prevalent in women (72.7%). Serum albumin values were below 4.0 g/dL in 67% of the studied patients. Serum creatinine levels were as expected for the population of the study as a whole; meanwhile, the cholesterol levels were near the lower end of the normal range. Malnutrition was found in 61% of the patients according to the subjective global assessment. CONCLUSION: The majority of the patients were classified as malnourished when criteria such as mid-arm muscle circumference, triceps skinfold thickness, subjective global assessment and serum albumin levels were considered, and in nutritional risk when serum creatinine and total cholesterol levels were considered. These data show that measures are necessary to improve the nutritional status of this population.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

58

Excreção urinária de cálcio, ácido úrico e citrato em crianças e adolescentes sadios/ Urinary excretion of calcium, uric acid and citrate in healthy children and adolescents

Penido, Maria Goretti Moreira Guimarães; Diniz, José Silvério Santos; Guimarães, Milena Maria Moreira; Cardoso, Rodrigo Barbosa; Souto, Marcelo Ferraz de Oliveira; Penido, Mariana Guimarães
2002-04-01

Resumo em português Objetivo: determinar valores de referência regionais para a excreção urinária de cálcio, ácido úrico e citrato e estabelecer correlação entre essas excreções em urina em 24h e amostras únicas, para uso na prática clínica. Material e métodos: 125 crianças e adolescentes saudáveis, selecionados aleatoriamente, foram submetidos ao protocolo: exame clínico, bioquímica de sangue, hemograma, paratormônio, urina em 24h, urina em amostra única colhida com jej (mais) um, e exame parasitológico de fezes.Resultados: o valor máximo para a excreção de cálcio em urina em 24h foi 3,75mg/kg, em mg/dl do ritmo de filtração glomerular - RFG foi 0,10, e, para a relação cálcio/creatinina(mg/dl) na urina, em amostra única em jejum, foi de 0,25. Observou-se correlação positiva entre a excreção de cálcio em urina em 24h, e urina em amostra única em jejum (mg/dl e mg/dl do RFG). Os valores máximos para a excreção de ácido úrico em urina em 24h foram 600, 450 e 320mg e 13, 15 e 18 mg/kg para adolescentes, escolares e pré-escolares, respectivamente; em mg/dl do RFG em amostra única de urina foi 0,47. Observou-se correlação positiva para a excreção de ácido úrico em urina em 24h e urina em amostra única em jejum. Os valores médios para a excreção de citrato em urina em 24h foram 1,6, 1,1 e 0,5mmol para adolescentes, escolares e pré-escolares, respectivamente; para a relação citrato/creatinina em urina, em amostra única, com jejum, foi 0,3. Conclusões: as excreções de cálcio e ácido úrico em urina em 24h se correlacionaram com aquelas das amostras urinárias simplificadas, permitindo o uso destas para diagnósticos metabólicos, estudos populacionais e controle de pacientes hipercalciúricos e hiperuricosúricos sem controle de esfíncter vesical; o quociente citrato/creatinina em urina, em amostra única, pode ser utilizado para controle de pacientes com hipocitratúria. Resumo em inglês Objective: to obtain regional reference values for calcium, uric acid and citrate urinary excretion and establish a correlation between those excretions in 24-hour urine sample and single urine sample for their use in clinical practice. Methods: a hundred and twenty-five healthy children and adolescents were randomly chosen and submitted to the following protocol: clinical examination, biochemical analysis of blood, blood cell count, parathormone, 24-hour urine, fasting u (mais) rine sample and stool test.Results: the maximum value of calcium excretion in 24-hour urine was 3.75mg/kg; in mg/dl of the glomerular filtration rate, it was 0.10; and for the calcium/creatinine (mg/dl) ratio in the fasting urine sample was 0.25. Positive correlation was observed between calcium excretion in the 24-hour urine and the fasting sample (mg/dl and mg/dl of glomerular filtration rate). The maximum values of uric acid excretion in 24-hour urine were 600, 450, and 320mg and 13, 15 and 18mg/kg for adolescents, school and preschool children, respectively; in mg/dl of glomerular filtration rate, in the fasting urine sample, it was 0.47. Positive correlation was observed for the uric acid excretion in 24-hour urine and fasting urine samples. The mean values for the citrate excretion in 24-hour urine were 1.6, 1.1 and 0.5mmol for adolescents, school and preschool children, respectively; for citrate/creatinine ratio, in the fasting urine sample the mean value was 0.3.Conclusions: the calcium and uric acid excretion in 24-hour urine showed correlation with those in the fasting urine sample, which allows their use for metabolic diagnosis, population studies and follow-up of patients with hypercalciuria and hyperuricosuria without voiding control; the citrate/creatinine ratio in the fasting urine sample can be used for controlling patients with hypocitraturia.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

59

A função renal de ratos espontaneamente hipertensos submetidos ao pneumoperitônio

Moreira, Márcia Bento; Montero, Edna Frasson S.; Fagundes, Djalma José; Chida, Valeria Vieira; Ramalho, Carlos Eduardo Benetti; Juliano, Yára
2002-05-01

Resumo em português Objetivo: Estudar a função renal de ratos espontaneamente hipertensos submetidos ao pneumoperitônio com CO2. Métodos: Foram utilizados 60 ratos, sendo 30 Wistar SHR e 30 EPM-1 Wistar, com idade ao redor de quatro meses, com peso médio de 341g. A amostra foi distribuída em dois grupos, experimento (ratos hipertensos) e controle (ratos normotensos), de acordo com a linhagem, SHR e EPM-1 Wistar, respectivamente. Cada grupo foi redistribuído em dois subgrupos, com 15 a (mais) nimais cada, de acordo com a pressão de pneumoperitônio, 10 e 4mmHg. Os animais foram anestesiados e posicionados, dando início ao procedimento de cateterização da artéria femoral esquerda, que permitiu aferição da pressão arterial média e a coleta sanguínea durante todo o experimento. Após a anti-sepsia, procedeu-se à realização de incisão transversa de 5mm de comprimento na região central do abdome para introdução de trocarte de 2mm, por onde foi introduzida a agulha de Veress, permitindo a insuflação de CO2 até atingir a pressão estabelecida para cada grupo (4mmHg ou 10mmHg), que foi mantida durante uma hora, seguida por uma hora de desinsuflação. Ao término do período de desinsuflação todos os animais de todos os grupos, ainda sob efeito anestésico, foram submetidos à eutanásia por exanguinação, através do cateter arterial. As amostras de sangue foram coletadas em três fases: 1) após a cateterização, 2) após uma hora de pneumoperitônio, e 3) após uma hora de desinsuflação, sendo conduzidas ao laboratório para dosagens de uréia e creatinina. Resultados: Houve aumento da creatinina para o rato SHR durante pneumoperitônio com pressão de 10mmHg; já a uréia mostrou-se aumentada tanto para o SHR quanto para o Wistar, durante o pneumoperitônio com pressão de 10mmHg. Durante o pneumoperitônio com pressão de 4mmHg, a creatinina e a uréia mantiveram-se nos níveis basais. Conclusão: A função renal do SHR se altera de forma transitória, semelhante ao rato não-hipertenso quando submetido ao pneumoperitônio. Resumo em inglês Objective: The aim of this work was to study the renal function of spontaneous hypertensive Wistar rats (SRH) submitted to pneumoperitoneum. Methods: Sixty rats, 30 SHR and 30 EPM-1 Wistar, 4-month-old, weighing around 350 g were utilized. Animals were distributed into two groups: experimental and control, according to the lineage, SHR and EPM-1 Wistar rats, respectively. Each group was divided into two subgroups, with 15 animals each, with pneumoperitoneum pressure estab (mais) lished at 4 mmHg and 10 mmHg. The animals were anesthetized and positioned to start the left femoral artery catheterization procedure to measure median arterial pressure and to collect blood sample during the experiment. After antisepsis, a 5 mm length transversal incision in the central abdominal area was performed to introduce a Veress needle for CO2 insufflation until the pressure established for each group was obtained (4 mmHg or 10 mmHg). Pressure was maintained during one hour, followed by one hour of disinsufflation. At the end of this phase, all animals, still under anesthesia, were submitted to euthanasia by blood removal through the arterial catheter. The blood samples were collected in three phases: 1) post-catheterization; 2) after one hour of pneumoperitoneum, and 3) one hour after disinsufflation. The samples were sent to the laboratory for urea and creatinine measurements. Results: Increased creatinine in SHR rats after 1 h of pneumoperitoneum with 10 mmHg pressure, while Wistar rats remained at the normal basal level. Urea levels increased for both SHR and EPM-1 Wistar rats after 1 h of pneumoperitoneum with 10 mmHg pressure. During the pneumoperitoneum with 4 mmHg pressure, creatinine and urea remained at basal levels. Conclusion: The renal function of SHR rats may be transiently changed, as it happens with non-hypertensive rats submitted to a 10 mmHg pneumoperitoneum.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

60

Níveis de fibra em detergente neutro em dietas para eqüinos/ Neutral detergent fiber levels in diet of equines

Braga, Auro César; Araújo, Kleber Villela; Leite, Gilberto Gonçalve; Mascarenhas, Alessandra Gimenez
2008-11-01

Resumo em português Objetivou-se nesta pesquisa avaliar os efeitos de dois níveis de fibra em detergente neutro (FDN) da dieta (25 e 35%), provenientes de duas proporções de volumoso/concentrado (50:50 e 60:40), sobre a digestibilidade dos nutrientes, o pH fecal e os parâmetros sangüíneos de lactato, glicose, uréia, creatinina e fosfatase alcalina, visando estabelecer os níveis mínimos e seguros de fibra em dietas para eqüinos. Utilizaram-se cinco eqüinos sem raça definida, com 6 (mais) a 8 anos de idade e peso médio de 300 kg, alojados em gaiolas próprias para estudos de metabolismo. Os animais foram distribuídos em delineamento de quadrado latino 5 × 5, composto de cinco tratamentos (dois níveis de FDN, 25 e 35%, duas relações volumoso:concentrado, 50:50 e 60:40, e uma dieta controle, com relação 50:50 volumoso:concentrado) e cinco períodos. Cada período experimental teve duração de 15 dias (10 de adaptação e 5 de coleta de fezes e sangue e determinação do pH fecal). Os níveis de FDN utilizados neste experimento (25 e 35%) reduziram a digestibilidade dos componentes fibrosos (fração parede celular) da dieta, entretanto, não influenciaram os níveis sangüíneos de lactato, glicose, uréia, creatinina e fosfatase alcalina e o pH fecal. A dieta com 25% de FDN promoveu alteração no teor plasmático de fibrinogênio, portanto, pode aumentar a predisposição dos animais a quadros de laminite e cólica. Resumo em inglês The objective of this research was to evaluate the effects of two levels of neutral detergent fiber (NDF) of the diet (25 and 35%) from two forage to concentrate (50:50 and 60:40) ratio on nutrient digestibility, fecal pH and blood parameters as lactate, glucose, urea, creatinine, fibrinogen and alkaline phosphatase, to establish minimum and safe levels of fiber in equines diets. Five horses without defined race, with 6 to 8 years old and average 300 kg BW, were housing i (mais) n metabolism cages. The animals were distributed to 5 × 5 Latin square design, composed of five diets (two levels of NDF, 25 and 35%, two forage to concentrate ratio, 50:50 and 60:40, and a control diet, with 50:50 forage to concentrate ratio, and five periods. Each period lasted 15 days (10 of adaptation and 5 for collection of feces and blood and pH fecal determination). Neutral detergent fiber levels (25 and 35%) reduced the fiber components digestibility (cell wall fraction) of the diet, however, did not influence the levels of blood parameters as lactate, glucose, urea, creatinine and alkaline phosphatase and fecal pH. Diet with 25% of NDF promoted change in fibrinogen plasma level, therefore, may increase the susceptibility of animals to colic and laminitis problems.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

61

Produção de proteína microbiana e estimativas das excreções de derivados de purinas e de uréia em vacas lactantes alimentadas com rações isoprotéicas contendo diferentes níveis de compostos nitrogenados não-protéicos/ Microbial protein production, purine derivatives and urea excretion estimate in lactating dairy cows fed isoprotein diets with different non protein nitrogen compounds levels

Oliveira, Antonia Santos; Valadares, Rilene Ferreira Diniz; Valadares Filho, Sebastião de Campos; Cecon, Paulo Roberto; Rennó, Luciana Navajas; Queiroz, Augusto César de; Chizzotti, Mário Luiz
2001-10-01

Resumo em português Foram objetivos do presente trabalho estimar a produção de proteína microbiana, utilizando-se a excreção total de derivados de purina (DP); comparar as excreções de DP e uréia obtidas a partir de coletas spot de urina com aquelas observadas em coletas de 24 horas; e avaliar as concentrações de N-uréia no plasma e no leite e as excreções de uréia. Utilizaram-se 16 vacas holandesas em quatro quadrados latinos balanceados 4 x 4, distribuídos de acordo com o pe (mais) ríodo de lactação. Cada período experimental teve duração de 21 dias, sendo sete dias de adaptação e 14 dias para as coletas de amostras. As quatro rações experimentais, isoprotéicas, foram formuladas para conter na base da MS 60% de silagem de milho e 40% de concentrado. Foram utilizados níveis crescentes de uréia no concentrado: 0; 0,7; 1,4; e 2,1%, correspondentes aos níveis de proteína bruta na forma de compostos nitrogenados não-protéicos (NNP) das rações de 2,22; 4,18; 5,96; e 8,09%, respectivamente. O volume urinário foi estimado utilizando amostras de urina obtidas quatro horas após a alimentação (spot), dividindo-se a excreção diária média de creatinina pela concentração de creatinina na urina spot. O volume urinário e as excreções de DP e de uréia, estimados por meio da urina spot, não diferiram daqueles obtidos pela coleta de urina por 24 horas. As produções de N-microbiano estimadas e obtidas apresentaram valores máximos de 198,05 e 196,96 g/dia, nos níveis de compostos nitrogenados não-protéicos de 5,33 e 4,44%, respectivamente. A concentração de alantoína no leite decresceu linearmente com o aumento dos níveis de NNP na dieta e representou 4,5% da excreção total de DP. A excreção de creatinina não foi afetada pelos níveis de NNP na dieta (23,41 mg/kg PV), enquanto as excreções estimada e obtida de uréia, as concentrações de uréia e N-uréia no plasma e no leite aumentaram linearmente com os níveis de NNP na ração. Concentrações plasmáticas e no leite de N-uréia de 19 a 20 mg% e 24 a 25 mg%, respectivamente, representariam valores limites a partir dos quais ocorreriam perdas de compostos nitrogenados. Resumo em inglês The objectives of the present work were to estimate the microbial protein production using the total purine derivatives (PD) excretion, to compare the PD and the urea excretions, obtained from spot urine collection with that observed in the 24 hours collection and to evaluate the plasma and milk N-urea and urea urinary excretion. Sixteen Holstein lactating cows were assigned to four 4X4 Latin Square with 3-wk periods in accordance with the lactation period. The four exper (mais) imental isoproteic diets were formulated to contain 60% of corn silage and 40% of corn meal, soybean meal, urea and mineral salt mixture as dry matter basis. Crescent levels of urea in the concentrate 0.0, 0.7, 1.4, and 2.1% corresponded to the crude protein of 2.22, 4.18, 5.96 and 8.09% of non protein nitrogen based compounds (NPN), respectively. The urine collection was also estimated with urine samples obtained four hours post fed (spot), by the relation of the daily mean creatinine excretion and the urine spot creatinine concentration. The urinary volume and PD excretion and urea estimated through the urine spot did not differ from that obtained from 24 h urine collection. The N-Microbial production estimated and obtained presenting maximum values of 198.05 and 196.96 g/day with the NPN levels of 5.33 and 4.44%, respectively. The milk allantoin concentration linearly decreased as the NPN increased in the diet and represented 4.5% of total PD excretion. The creatinine excretion was not influenced by the dietary NPN levels (23.41 mg/kg LW), while the estimated and obtained urea excretion, the plasma and milk urea and N-urea concentration linearly increased as the NPN increased in the diet. The plasma and milk N-urea concentration of 19-20 mg/dL and 24-25 mg/dL, respectively, represented the limit values from that would occur nitrogen compounds losses.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

62

Hemograma, proteinograma, ionograma e dosagens bioquímicas e enzimáticas de ovinos acometidos por conidiobolomicose no nordeste do Brasil/ Hematology and blood biochemistry in sheep with conidiobolomycosis in northeastern Brazil

Batista, Maria do Carmo de S.; Castro, Roberto S. de; Rego, Eneida W.; Carvalho, Fernando Aécio de A.; Silva, Silvana Maria M. S.; Carvalho, Cleyton C. D.; Riet-Correa, Franklin
2009-01-01

Resumo em português Foram realizados eritrogramas, leucogramas, dosagens séricas de proteínas totais, albumina, globulinas, cálcio, fósforo, magnésio, cloretos, uréia, creatinina, bilirrubina total, direta e indireta e atividade sérica de aspartato aminotransferase (AST), fosfatase alcalina (FA) e gama-glutamiltransferase (GGT) de 56 ovinos afetados por conidiobolomicose e de 371 ovinos sadios provenientes dos mesmos rebanhos dos casos da doença. Os resultados revelaram que os ovinos (mais) com conidiobolomicose apresentam anemia arregenerativa normocítica normocrômica, leucocitose com neutrofilia e discreto desvio à esquerda regenerativo, com elevação da relação neutrófilo:linfócito, monocitose moderada, trombocitose, hipoproteinemia (hipoglobulinemia), hipomagnesemia, hipocalcemia e elevação dos teores de fósforo. As atividades séricas de AST e GGT estavam aumentadas e as de FA diminuídas. Não houve alteração nos níveis de uréia e creatinina, mas ocorreu hipoglicemia e hiperbilirrubinemia. Estes resultados podem ser utilizados para estudos experimentais da doença, em ensaios com tratamentos e para identificar casos precoces da enfermidade que não apresentem sinais clínicos. Além disso, os valores encontrados em 371 ovinos deslanados hígidos podem ser utilizados como valores referenciais para este tipo de ovinos na região semi-árida do Brasil. Resumo em inglês Hematologic values, serum levels of albumin, globulins, total proteins, calcium, phosphorus, magnesium, chloride, urea nitrogen, creatinine, total, direct and indirect bilirrubin, and serum activities of aspartate aminotransferase (AST), alkalin phosphatase (AF) and gama-glutamyltransferase (GGT) were determined in 56 hair sheep with conidiobolomycosis and 371 healthy hair sheep from the same flocks. Sheep with conidiobolomycosis had nonregenerative, normocytic and normoc (mais) hromic anemia, leucocytosis with neutrophilia and increased nutrophil:lymphocyte rate, moderate monocytosis, moderate thrombocytosis, hypoproteinemia (hypoglobulinemia), hypomagnesemia, hypocalcemia and increased values of phosphorus. Serum activities of AST and GGT were increased and serum activity of FA decreased. Serum values of urea and creatinine were within normal values. Hypoglycemia and hyperbilirrubinemia were also observed. These results can be used for experimental studies with the disease, for treatments trials, and to detect early cases of the disease without clinical signs. Otherwise the hematologic and blood biochemistry values of healthy sheep can be used as reference values for hair sheep in the semi-arid region of Brazil.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

63

Evolução da função renal na fase aguda do infarto do miocárdio como fator prognóstico de eventos na fase intra-hospitalar e em um ano de seguimento/ Renal function outcome in acute myocardial infarction as a prognostic factor of in-hospital events and at one-year follow-up

Pimenta, Eduardo; Ramos, Rui Fernando; Gun, Carlos; Santos, Elizabeth S.; Timerman, Ari; Piegas, Leopoldo S.
2006-03-01

Resumo em português OBJETIVO: Analisar o papel da disfunção renal na internação ou durante a evolução nos pacientes com infarto agudo do miocárdio (IAM). MÉTODOS: Foram avaliados 274 pacientes com IAM, entre janeiro de 2000 e dezembro de 2001. A função renal foi monitorada com a dosagem de creatinina (Cr) na internação e o valor pico durante a hospitalização. O clearance de creatinina (ClCr) foi calculado pela fórmula de Cockcroft & Gault. Foi avaliada a morbidade e mortalidad (mais) e intra-hospitalar e após um ano do evento. RESULTADOS: A média de idade foi 62,2 ± 13,5 anos e 73% eram do sexo masculino. A função renal esteve mais reduzida nos homens, em pacientes com hipertensão arterial sistêmica e cirurgia de revascularização prévia. A análise multivariada revelou aumento da mortalidade intra-hospitalar relacionada com a elevação nos níveis pico de Cr (OR:1,18 95% IC:1,18-2,77 p = 0,006), com o decréscimo no ClCr inicial (OR:0,96 95% IC:0,93-0,99 p = 0,025) e no ClCr pico (OR:0,96 95% IC:0,92-0,99 p = 0,023). A diferença percentual entre o ClCr inicial e o menor ClCr atingido também indicou maior mortalidade (OR:1,04 95% IC:1,00-1,07 p = 0,033). A piora da função renal não alterou a morbidade e mortalidade em um ano. CONCLUSÃO: Disfunção renal na internação, e sua deterioração durante a hospitalização, mostrou ser um importante marcador prognóstico de pior evolução imediata. Resumo em inglês OBJECTIVE: To analyze the role of renal dysfunction at admission or during hospitalization in patients with acute myocardial infarction (AMI). METHODS: Two hundred and seventy-four patients with AMI were assessed between January 2000 and December 2001. Renal function was monitored by serum creatinine (Cr) measurement at admission and peak level during hospitalization. Creatinine clearance (CrCl) was estimated by the Cockcroft-Gault formula. In-hospital and one-year morbid (mais) ity and mortality were evaluated. RESULTS: Mean age of the population studied was 62.2 ± 13.5, and 73% of the patients were male. Renal function was more reduced in male patients and in those with systemic arterial hypertension and prior CABG. Multivariate analysis showed higher hospital mortality rates associated with increased peak serum Cr levels (OR: 1.18 95% CI:1.18-2.77 p = 0.006), decreased baseline CrCl (OR:0.96 95% CI:0.93-0.99 p = 0.025) and peak CrCl (OR:0.96 95% CI:0.92-0.99 p = 0.023). Percent difference between baseline CrCl and the lowest CrCl obtained during hospitalization also indicated higher mortality rates (OR: 1.04 95% CI: 1.00-1.07 p = 0.033). No change was observed in the one-year morbidity and mortality from worsening of renal function. CONCLUSION: Renal dysfunction at admission and its deterioration during hospitalization have proved to be a major prognostic marker for immediate poor outcome.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

64

Análise em longo prazo na síndrome coronariana aguda: existem diferenças na morbimortalidade?/ Long-term analysis in acute coronary syndrome: are there any differences in morbidity and mortality?/ Análisis a largo plazo en el síndrome coronario agudo: ¿Existen diferencias en la morbimortalidad?

Aguiar, Adolfo Alexandre Farah de; Mourilhe-Rocha, Ricardo; Esporcatte, Roberto; Amorim, Liana Correa; Tura, Bernardo Rangel; Albuquerque, Denilson Campos de
2010-12-01

Resumo em português FUNDAMENTO: A insuficiência cardíaca (IC) tem grande importância como preditor de morbimortalidade em pacientes com síndrome coronariana aguda (SCA). OBJETIVO: Avaliar os preditores de morbimortalidade na SCA em longo prazo. MÉTODOS: Foi um estudo de coorte de 403 pacientes consecutivos com queixas de dor torácica. Descreveram-se dados demográficos, clínicos, laboratoriais e terapêuticos, sendo avaliados durante a internação e até oito anos após alta, em rela (mais) ção à presença ou ausência de eventos cardiovasculares e óbitos. RESULTADOS: Foram 403 pacientes com queixas de dor torácica, em que 65,8% apresentavam diagnóstico de SCA sem supra de ST, 27,8% SCA com supra de ST e 6,5% sem SCA. Destes, foram avaliados os 377 pacientes com SCA, em que 37,9% eram do sexo feminino, e a média de idade foi de 62,2 ± 11,6 anos. A presença de IC antes ou durante a hospitalização influenciou a mortalidade. Dos fatores prognósticos, a creatinina inicial merece destaque, sendo o ponto de corte de 1,4 mg/dl (acurácia = 62,1%; HR = 3,27; p Resumo em espanhol FUNDAMENTO: La insuficiencia cardíaca (IC) tiene gran importancia como predictor de morbimortalidad en pacientes con síndrome coronario agudo (SCA). OBJETIVO: Evaluar los predictores de morbimortalidad en la SCA a largo plazo. MÉTODOS: Fue un estudio de cohorte de 403 pacientes consecutivos con quejas de dolor torácico. Se describieron datos demográficos, clínicos, de laboratorio y terapéuticos, siendo evaluados durante la internación y hasta ocho años después d (mais) el alta, en relación a la presencia o ausencia de eventos cardiovasculares y óbitos. RESULTADOS: Fueron 403 pacientes con quejas de dolor torácica, en que 65,8% presentaban diagnóstico de SCA sin supra de ST, 27,8% SCA con supra de ST y 6,5% sin SCA. De estos, fueron evaluados los 377 pacientes con SCA, en que 37,9% eran del sexo femenino, y la media de edad fue de 62,2±11,6 años. La presencia de IC antes o durante la hospitalización influenció la mortalidad. De los factores pronósticos, la creatinina inicial merece destacarse, siendo el punto de corte de 1,4mg/dL (precisión=62,1%; HR=3,27; p Resumo em inglês BACKGROUND: Heart failure (HF) is extremely important as a predictor of morbidity and mortality in patients with acute coronary syndrome (ACS). OBJECTIVE: To evaluate the predictors of morbidity and mortality in ACS in the long term. METHODS: A cohort study of 403 consecutive patients with complaints of chest pain. Demographic, clinical, laboratory and therapy-related data were described and the patients were evaluated during hospitalization and for up to eight years afte (mais) r being discharged, for the presence or absence or cardiovascular events and deaths. RESULTS: There were 403 patients complaining of chest pain, 65.8% of whom had been diagnosed as having ACS without ST elevation, 27.8% had ACS with ST elevation and 6.5% without ACS. Among such patients, the 377 patients with ACS were evaluated (37.9% of whom were females), and the mean age was 62.2 ± 11.6 years. The presence of HF before or during hospitalization influenced mortality. Among the prognostic factors, emphasis should be placed on the initial creatinine level, with the cutoff point being set at 1.4 mg/dl (accuracy = 62.1%, HR = 3.27; p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

65

Determinação de cistatina C como marcador de função renal/ Cystatin C measurement as renal function marker

Neri, Letícia Aparecida Lopes; Mendes, Maria Elizabeth; David-Neto, Elias; Sumita, Nairo Massakasu; Medeiros, Flávia Silva
2010-12-01

Resumo em português INTRODUÇÃO: A cistatina C sérica tem sido apontada como um marcador de filtração glomerular. OBJETIVO: Realizar a validação de um método específico e automatizado, a imunonefelometria, mensurando os níveis séricos de cistatina C por meio do nefelômetro da empresa Behring (BN II) e correlacionar resultados obtidos entre pacientes transplantados. O ensaio perfaz o intervalo de referência de 0,23-7,25 mg/l. A imprecisão intra e interensaio foi de 8,73% e 5,38%, (mais) respectivamente. A recuperação analítica da cistatina C após adição de controle foi entre 86,7 % e 98% (média 92,3%). A estabilidade da cistatina C à temperatura ambiente, sob refrigeração e sob congelamento foi testada. A perda mais significativa foi encontrada nas amostras armazenadas à temperatura ambiente, em que foram perdidos até 10% da concentração inicial. Foi encontrado coeficiente de variação de 14,79% para sensibilidade analítica. Durante todo o processo foram comparados os resultados com o controle de qualidade e obtivemos bons resultados. Depois desses testes, nós comparamos as correlações em três grupos de pacientes transplantados renais sob diferentes esquemas de imunossupressão (n = 197) - azatioprina (n = 36), micofenolato mofetil (n = 131) e sirolimus (n = 30) - entre as equações de estimativa de filtração glomerular (Cockroft Gault, Nankivell e Modification of Diet in Renal Disease) e cistatina C sérica ou creatinina sérica. CONCLUSÃO: O ensaio nefelométrico cistatina C pode perfeitamente ser adequado à nossa rotina laboratorial e as correlações entre creatinina sérica e as diferentes equações de estimativa de filtração glomerular são melhores do que quando comparamos as mesmas à cistatina C nos três grupos, independentemente da terapia imunossupressora utilizada. Resumo em inglês INTRODUCTION: Serum cystatin C has been identified as a glomerular filtration marker. OBJECTIVE: To validate immunonephelometry, a specific and automated method, by measuring levels of serum cystatin C through Behring nephelometer (BN II) and correlate results among transplant patients. The assay comprises the reference range of 0:23 to 7:25 mg/l. The intra-assay and inter- assay imprecision rates were 8.73% and 5.38%, respectively. The analytical recovery of cystatin C a (mais) fter addition of control was between 86.7% and 98% (average 92.3%). The stability of cystatin C to room temperature, refrigerated or frozen was tested. The most significant loss was found in samples stored at room temperature, in which up to 10% of the initial concentration was lost. The coefficient of variation was 14.79% for analytical sensitivity. Throughout the process the results were compared with quality control and good results were achieved. After these tests, we compared the correlations between equations for estimating glomerular filtration rate (Cockroft Gault, Nankivell and MDRD) and serum cystatin C or serum creatinine in three groups of kidney transplant patients under different immunosuppressive regimens (n = 197) [azathioprine (n = 36), mycophenolate mofetil (n = 131) or sirolimus (n = 30)]. CONCLUSION: The nephelometric cystatin C assay may be perfectly suitable for our routine laboratory. The correlations between serum creatinine and the various equations for estimating glomerular filtration are better than those between cystatin C and equations for estimating glomerular filtration in the three groups irrespective of the immunosuppressive therapy used.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

66

Doença renal medular cística em uma cadela Yorkshire Terrier: relato de caso/ Cystic medullary renal disease in a Yorkshire Terrier bitch: a case report

Feliciano, M.A.R.; Leite, C.A.L.; Silveira, T.; Cavalcanti, G.A.O.; Varaschin, M.S.; Vicente, W.R.R.
2008-08-01

Resumo em português Uma cadela da raça Yorkshire Terrier apresentou hematêmese, distensão abdominal, poliúria e polidipsia. Após o exame clínico do paciente, estabeleceu-se a suspeita clínica de nefropatia. Os resultados dos exames laboratoriais revelaram anemia normocítica normocrômica e concentrações séricas de uréia (306mg/dl) e de creatinina (3,6mg/dl) acima dos valores de referência. Ao ultra-som bidimensional observaram-se áreas císticas hipoecóicas e anecóicas, padr� (mais) �o renal hipercogênico e perda da relação corticomedular. À necropsia, a região medular apresentou grande quantidade de cistos pequenos em meio a tecido conjuntivo fibroso. A lesão tubulointersticial cortical foi a responsável pela insuficiência renal resultante. Firmou-se diagnóstico de nefrite tubulointersticial. Resumo em inglês A Yorkshire Terrier bitch presented hematemesis, abdominal distention, poliuria, and polidipsia. After clinical examination, it was established a clinical suspect of nephropathy. The complementary exams showed normochromic and normocytic anemia and serum concentrations of ureia (306mg/dl) and creatinine (3.6mg/dl) above the references values. At two-dimensional ultrasound hipoechoic and anechoic cystic areas were observed, as well as hiperechogenic renal pattern and corti (mais) comedullary ratio loss. At necropsy, the medullary region presented many small cysts in a fibrous connective tissue. Cortical tubulointesticial lesion was responsible to the resulting renal failure. It was established a tubulointersticial nephritis diagnosis.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

67

Influência da pressão expiratória final positiva (PEEP) e da função renal sobre o nível de peptídeo natriurético tipo B em pacientes com sepse grave e choque séptico/ Positive end-expiratory pressure and renal function influence B-type natriuretic peptide in patients with severe sepsis and septic shock

Issa, Victor Sarli; Taniguchi, Leandro Utino; Park, Marcelo; Cruz, Luiz Monteiro; Bocchi, Edimar Alcides; Velasco, Irineu Tadeu; Soriano, Francisco
2008-08-01

Resumo em português FUNDAMENTO: Disfunção miocárdica é uma complicação associada com pior prognóstico em pacientes sépticos. Existe um grande interesse em descobrir um marcador biológico da função cardíaca com valor prognóstico em pacientes sépticos. OBJETIVO: Procuramos determinar os níveis de peptídeo natriurético tipo B em pacientes com sepse grave e choque séptico. MÉTODOS: Realizamos um estudo prospectivo em pacientes com sepse grave/choque séptico internados na unid (mais) ade de terapia intensiva de um hospital universitário. Determinamos os níveis de peptídeo natriurético tipo B nas primeiras 24 horas após o diagnóstico de sepse grave/choque séptico. Analisamos a taxa de mortalidade e a existência de correlação entre o peptídeo natriurético tipo B e variáveis clínicas, hemodinâmicas e respiratórias. RESULTADOS: Vinte e três pacientes (9 mulheres e 14 homens) com idades entre 20 e 79 anos (média de 51,3±18,6) e índice APACHE 22,6±11,8 foram incluídos no estudo; 15 pacientes (65,2%) foram monitorados com cateter de artéria pulmonar e 20 (87%) foram submetidos à ventilação mecânica. A análise multivariada revelou que o peptídeo natriurético tipo B estava inversamente relacionado com a pressão expiratória final positiva e diretamente relacionado com a creatinina (beta 0,548 e 0,377, p 0,02 e 0,002, respectivamente), mas não com mortalidade ou com parâmetros clínicos e hemodinâmicos. CONCLUSÃO: Este é o primeiro relato de relação inversa entre os níveis de BNP e a pressão expiratória final positiva em pacientes com sepse grave e choque séptico. Nesses casos, o BNP e o nível de creatinina devem ser levados em consideração na análise dos níveis de peptídeo natriurético tipo B. Resumo em inglês BACKGROUND: Myocardial dysfunction is a complication associated with a poor prognosis in septic patients. A biomarker of cardiac function providing prognostic information is of paramount interest. OBJECTIVE: We sought to determine the value of B-type natriuretic peptide in patients with severe sepsis/septic shock. METHODS: We performed a prospective study in patients with severe sepsis/septic shock in a medical intensive care unit. B-type natriuretic peptide level was det (mais) ermined within 24 hours after the diagnosis of severe sepsis/septic shock. We also analyzed mortality, and presence of association between B-type natriuretic peptide and clinical, hemodynamic and respiratory variables. RESULTS: 23 (9 women; 14 men) patients with ages ranging from 20-79 (mean 51.3±18.6) years old and APACHE score of 22.6±11.8 were included; 15 (65.2%) patients received pulmonary artery catheters, and 20 (87%) were mechanically ventilated. Multivariate analysis disclosed inverse association between B-type natriuretic peptide values with positive end-expiratory pressure values, and direct association with creatinine (beta 0.548 and 0.377, p 0.02 and 0.002, respectively), but not with mortality, clinical and hemodynamic parameters. CONCLUSION: This is the first report on an inverse association between positive end-expiratory pressure and BNP levels in patients with severe sepsis and septic shock. BNP and creatinine levels should be taken into consideration when analyzing B-type natriuretic peptide levels in this setting.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

68

Solução salina hipertônica para prevenção de insuficiência renal em pacientes com insuficiência cardíaca descompensada e hiponatremia/ Hypertonic saline solution for renal failure prevention in patients with decompensated heart failure

Issa, Victor Sarli; Bacal, Fernando; Mangini, Sandrigo; Carneiro, Rodrigo Moreno Dias; Azevedo, Cristiano Humberto Naves de Freitas; Chizzola, Paulo Roberto; Ferreira, Silvia Moreira Ayub; Bocchi, Edimar Alcides
2007-10-01

Resumo em português FUNDAMENTO: Hiponatremia e fenômenos congestivos indicam mau prognóstico na insuficiência cardíaca descompensada. A ocorrência de insuficiência renal está associada a aumento do risco de morte. OBJETIVO: Avaliar a segurança e a eficácia da solução hipertônica em pacientes com insuficiência cardíaca descompensada para prevenção de insuficiência renal. MÉTODOS: Participaram do estudo pacientes com insuficiência cardíaca descompensada, congestão e hipona (mais) tremia. Além do tratamento padrão, os pacientes receberam solução salina hipertônica, e foram submetidos a avaliação tanto clínica como laboratorial. RESULTADOS: Foram incluídos 9 pacientes. A média das idades dos pacientes foi de 55 + 14,2 anos, sendo 5 (55,5%) do sexo masculino e 4 (44,5%), do feminino. Todos apresentavam classe funcional III-IV da New York Heart Association (NYHA), e 5 (55,5%) recebiam dobutamina. Todos apresentaram creatinina inicial acima de 1,4 mg/dl. A tonicidade média da solução foi de 4,39% + 0,018% (2,5% a 7,5%) e a duração do tratamento foi de 4,9 dias + 4,1 dias (1 dia a 15 dias). Não houve efeitos adversos graves; em nenhum caso houve piora clínica ou distúrbios neurológicos; hipocalemia ocorreu em 4 (44,5%) casos. A comparação das variáveis pré- e pós-tratamento demonstrou queda da uréia (105 mg/dl + 74,8 mg/dl vs. 88 mg/dl + 79,4 mg/dl; p = 0,03) e aumento do volume urinário (1.183 ml/dia vs. 1.778 ml/dia; p = 0,03); houve tendência a redução da creatinina (2,0 mg/dl + 0,8 mg/dl vs. 1,7 mg/dl + 1,0 mg/dl; p = 0,08). Apesar da elevação do valor do sódio (131 mEq/l + 2,8 mEq/l vs. 134 mEq/l + 4,9 mEq/l) e da redução do peso (69,5 kg + 18,6 kg vs. 68,2 kg + 17,1 kg), não houve diferença estatisticamente significante. CONCLUSÃO: O uso de solução salina hipertônica em pacientes com insuficiência cardíaca descompensada pode ser método terapêutico seguro e potencialmente relacionado a melhora clínica e de prevenção da insuficiência renal. Resumo em inglês BACKGROUND: Hyponatremia and congestive phenomena indicate a bad prognosis in decompensated heart failure. The occurrence of renal failure is associated to an increased death risk. OBJECTIVE: To evaluate the safety and efficacy of the hypertonic saline solution in patients with decompensated heart failure for renal failure prevention. METHODS: Patients with decompensated heart failure, congestion and hyponatremia participated in the study. In addition to the standard trea (mais) tment, the patients received hypertonic saline solution and were submitted to clinical as well as laboratory assessment. RESULTS: Nine patients were enrolled in the study. Mean age was 55 + 14.2 years, being 5 male (55.5%) and 4 (44.5%) female patients. All of them presented functional class III-IV of the New York Heart Association (NYHA), and 5 (55.5%) received dobutamine. All of them presented initial creatinine > 1.4 mg/dl. The mean tonicity of the solution was 4.39% + 0.018% (2.5% to 7.5%) and the duration of treatment was 4.9 days + 4.1 days (1-15 days). There were no severe adverse effects; none of the patients presented clinical worsening or neurologic disorders; hypokalemia occurred in 4 cases (44.5%). The comparison of the variables before and after treatment showed a decrease in urea (105 mg/dl + 74.8 mg/dl vs. 88 mg/dl + 79.4 mg/dl; p = 0.03) and increase in the urinary volume (1,183 ml/day vs. 1,778 ml/day; p = 0.03); there was no tendency to creatinine decrease (2.0 mg/dl + 0.8 mg/dl vs. 1.7 mg/dl + 1.0 mg/dl; p = 0.08). Despite the elevation in sodium levels (131 mEq/l + 2.8 mEq/l vs. 134 mEq/l + 4.9 mEq/l) and weight decrease (69.5 kg + 18.6 kg vs. 68.2 kg + 17.1 kg), there was no statistically significant difference. CONCLUSION: The use of hypertonic saline solution in patients with decompensated heart failure can be a safe therapeutic method and potentially related to clinical improvement and renal failure prevention.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

69

Avaliação dos níveis séricos de homocisteína em transplantados renais com e sem hipercolesterolemia/ Serum homocysteine levels in renal transplant recipients with and without hypercholesterolemia

Piovesan, Fabiana; Veronese, Francisco José Veríssimo; Santos, Auri Ferreira; Pozza, Roberta; Sarturi, Péricles Serafim; Tognon, Alexandre; Garcia, Valter Duro; Keitel, Elizete; Saitovitch, David
2007-09-01

Resumo em português FUNDAMENTO: A ocorrência de hiper-homocisteinemia parece ser freqüente após o transplante renal. Nenhum estudo até o momento avaliou o papel da homocisteína (Hcy) associada à dislipidemia no Brasil. OBJETIVO: Determinar a prevalência de hiper-homocisteinemia (Hcy sérica >15 mmol/l) em pacientes estáveis submetidos a transplante renal e avaliar o papel dos lipídios séricos e da função do enxerto nos níveis de Hcy sérica. MÉTODOS: Cento e cinco pacientes est (mais) áveis submetidos a transplante renal foram avaliados, levando-se em consideração idade, tempo pós-transplante, níveis séricos de colesterol, função do enxerto, proteinúria e uso de ciclosporina (analisados por regressão linear múltipla). A prevalência de hiper-homocisteinemia foi de 74,3%. Os pacientes foram divididos em dois grupos: hipercolesterolêmicos (colesterol total > 200 mg/dl, colesterol LDL > 130 mg/dl) e normocolesterolêmicos. RESULTADOS: Os pacientes hipercolesterolêmicos eram mais velhos, tinham menor tempo pós-transplante, menor depuração de creatinina endógena, maior proteinúria e níveis séricos mais elevados de Hcy. Os pacientes com hiper-homocisteinemia tinham níveis séricos de triglicérides significativamente mais elevados e função do enxerto significativamente pior; além disso, seus níveis de colesterol LDL apresentaram tendência a ser mais elevados. Houve uma correlação positiva entre os níveis séricos de creatinina e de Hcy (r = 0,32; p = 0,01). A análise de regressão linear múltipla revelou que tanto a dislipidemia quanto a função renal afetam de forma independente os valores de Hcy. CONCLUSÃO: Observamos uma alta prevalência de hiper-homocisteinemia em pacientes submetidos a transplante renal, especialmente em hipercolesterolêmicos, sugerindo que uma pior função do enxerto pode influenciar negativamente os níveis séricos de Hcy e colesterol. Estudos futuros deverão investigar se esse perfil metabólico adverso está associado com maior mortalidade cardiovascular no longo prazo. Resumo em inglês BACKGROUND: Hyperhomocysteinemia seems to be frequent after renal transplantation. No study so far has assessed the role of homocysteine (Hcy) associated with dyslipidemia in Brazil. OBJECTIVE: To determine the prevalence of hyperhomocysteinemia (serum Hcy >15 mmol/l) in stable renal transplant recipients and to evaluate the role of serum lipids and graft function in serum Hcy levels. METHODS: One hundred and five stable renal transplant recipients were evaluated, conside (mais) ring age, post-transplant time, cholesterol levels, graft function, proteinuria, and cyclosporine (analyzed using multiple linear regression). The prevalence of hyperhomocysteinemia was 74.3%. Patients were further divided into two groups, hyper (total cholesterol >200mg/dl, LDL-cholesterol >130mg/dl) and normocholesterolemic. RESULTS: Hypercholesterolemic recipients were older, had shorter post-transplant time, lower endogenous creatinine clearance, and higher proteinuria and Hcy serum levels. Patients with hyperhomocysteinemia had statistically significantly higher serum triglycerides and poorer graft function, and their LDL-cholesterol also tended to be higher. A positive correlation was found between serum creatinine and Hcy levels (r = 0.32, P = 0.01). Multiple regression analysis revealed that both dyslipidemia and renal function independently affect Hcy values. CONCLUSION: We observed a high prevalence of hyperhomocysteinemia in renal transplant recipients, especially in hypercholesterolemic, suggesting that worse graft function may influence serum Hcy and cholesterol levels negatively. Further studies should investigate if this adverse metabolic profile is associated with higher cardiovascular mortality in the long term.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

70

Fotossensibilização em ovinos associada à ingestão de Brachiaria brizantha no estado do Pará/ Photosensitization of sheep kept on Brachiaria brizantha pasture in the state of Pará

Albernaz, Tatiane Teles; Silveira, José Alcides Sarmento da; Silva, Natália da Silva e; Oliveira, Cairo Henrique Sousa; Belo Reis, Alessandra dos Santos; Oliveira, Carlos Magno Chaves; Duarte, Marcos Dutra; Barbosa, José Diomedes
2010-09-01

Resumo em português Foram estudados dois surtos e realizado um experimento de fotossensibilização associada à ingestão por Brachiaria brizantha em ovinos mestiços de Santa Inês e Dorper, com idade variando de dois a três meses, em uma fazenda no município de Santa Luzia do Pará. Esses animais foram mantidos desde o nascimento até aproximadamente dois meses de idade, em apriscos suspensos do chão, recebendo capim-elefante roxo (Pennisetum purpureum cv. roxo), concentrado, sal miner (mais) al e água ad libitum. Após esse período foram introduzidos em um piquete de B. brizantha. Na ocasião dos surtos e do experimento a fazenda foi visitada para observação dos dados epidemiológicos, avaliação clínica dos animais, colheita de amostras de sangue para dosagem de GGT, AST, BD, BI, BT, ureia e creatinina e colheita de pastagem para pesquisa de Pithomyces chartarum e saponinas. Também foi realizada necropsia com colheita de material para estudo histológico. O surto 01 ocorreu na época de escassez de chuva, com taxa de morbidade e letalidade de 43,4% e 81,6%, respectivamente. O surto 02 aconteceu no início da época chuvosa, com taxas de morbidade e letalidade de 16,3% e 76,9%, respectivamente. Em ambos os surtos o capim encontrava-se com massa residual reduzida e senescente. Dos 50 animais do experimento, 10 receberam 200ml de fluido ruminal retirado de ovelhas mães do mesmo lote, a primeira administração foi feita um dia antes da introdução desses animais na pastagem, e mais duas subsequentes com intervalo de uma semana. Após 15 dias de pastejo, os animais começaram a apresentar inquietação, procura por sombra, edema nas orelhas, mucosas amareladas, apatia, anorexia e desprendimento da pele seguido por formação de crostas em algumas áreas do corpo. Tanto os animais dos surtos quanto do experimento apresentaram aumento nos níveis de GGT, AST, BD, BI, BT, ureia e creatinina. Os valores de ureia e GGT dos animais que receberam fluido ruminal e dos que não receberam foram semelhantes, já os valores de creatinina, AST e bilirrubinas foram menores nos animais que receberam fluido ruminal em comparação aos que não receberam. Foram determinados dois tipos de saponinas nas amostras de B. brizantha dos surtos e do experimento, a metilprotodioscina e a protodioscina. O nível de saponina no surto 01 e 02 foi 0,92% e 0,88%, respectivamente. Os níveis de saponinas no experimento variaram de 1,13% a 1,62%. A quantidade de Pithomyces chartarum, tanto nos surtos quanto no experimento, foi insignificante. Na necropsia foi verificada icterícia generalizada, fígado com consistência aumentada de coloração amarelada e com padrão lobular acentuado. Nos rins foi observada coloração amarelo-esverdeado e aumento de tamanho. As alterações histológicas ocorreram principalmente no fígado e consistiram de leve proliferação das vias biliares nos espaços porta, presença de hepatócitos binucleados, presença de macrófagos espumosos, necrose incipiente de hepatócitos isolados, colangite, presença de cristais em macrófagos e hepatócitos. Resumo em inglês Two outbreaks of photosensitization by Brachiaria brizantha were studied and an experiment was performed in Santa Inês and Dorper crossbred sheep, two to three months old, on a farm in Santa Luzia do Pará municipality. These animals were kept from birth until about two months of age in a suspended stall floor, fed purple elephant grass (Pennisetum purpureum cv. purple), and had minerals and water ad libitum. After this period they were placed into a paddock of B. brizan (mais) tha. At the time of the outbreaks and the experimental studies, the farm was visited for epidemiological assessment and clinical examination of the sheep, collection of blood samples for measurement of gamma glutamyltransferase, aspartate aminotransferase, conjugated bilirubin, unconjugated bilirubin, urea, and creatinine. Pasture samples were collected for saponin determination and count of Pithomyces chartarum spores. Necropsies with collection of material for histopathological studies were performed. Outbreak 1 occurred at the time of low rainfall, when the grass was scarce and mature, and morbidity and lethality was 43.4% and 81.6%, respectively. Outbreak 2 occurred at the beginning of the rainy season, with morbidity and lethality rates of 16.3% and 76.9%, respectively. From the 50 animals in the experiment, 10 received three times 200ml of rumen fluid taken from mother sheep of the same batch. The first of these administrations was given one day before the sheep were introduced into the pasture and the other two at weekly intervals. After 15 days in the pasture, the animals were unquiet, looked for shade, had edema of the ears, yellowish mucosae, were apathic, had anorexia and showed sloughing of the skin followed by crusting in some areas of the body. Both, the sheep of the outbreaks as those from the experiment, showed increased levels of GGT, AST, BD, BI, BT, urea and creatinine. In sheep which received ruminal fluid the values of urea and GGT were similar to those which did not receive the ruminal fluid. The creatinine, AST and bilirrubine values were lower in sheep that received the ruminal fluid. Two types of saponins, methylprotodioscin and protodioscin, were detected in the samples of B. brizantha from the outbreaks and the experiment. The level of saponins in Outbreak 1 and 2 was 0.92% and 0.88% respectively. The levels of saponins in the experiment ranged from 1.13% to 1.62%. The numbers of spores of Pithomyces chartarum in both outbreaks and in the experiment were negligible. At necropsy there was widespread jaundice, the liver was brown-yellow with marked lobular pattern and increased consistency and the kidneys were enlarged yellowish-green. Histological changes occurred mainly in the liver and consisted of mild proliferation of bile ducts in portal tracts, presence of binucleate hepatocytes, foamy macrophages, necrosis of isolated hepatocytes, cholangitis, presence of crystals in hepatocytes and macrophages.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

71

Avaliação da função renal em pacientes no pós-operatório de cirurgia cardíaca: a classificação AKIN prediz disfunção renal aguda?/ Evaluation of the renal function in patients in the postoperative period of cardiac surgery: does AKIN classification predict acute kidney dysfunction?

Magro, Marcia Cristina da Silva; Franco, Eliana da Silva; Guimarães, Daniela; Kajimoto, Denise; Gonçalves, Maria Aparecida Batistão; Vattimo, Maria de Fatima Fernandes
2009-03-01

Resumo em português OBJETIVOS: Identificar a freqüência de lesão renal aguda e comparar a aplicação da classificação AKIN com o uso isolado da creatinina sérica no pós-operatório de cirurgia cardíaca. MÉTODOS: Este estudo foi desenvolvido prospectivamente em um hospital de ensino e pesquisa especializado em cardiologia da rede pública do estado de São Paulo. Foram acompanhados 44 pacientes submetidos à cirurgia cardíaca eletiva, desde o pós-operatório imediato até o 2º p� (mais) �s-operatório. RESULTADOS: Constatou-se que dos 44 pacientes, 75% eram hipertensos, 27% diabéticos e eram majoritariamente do sexo masculino (64%), com média de idade de 55±16 anos. Observou-se que a idade avançada e o índice de massa corpórea elevado apresentaram correlação significativa para disfunção renal (p Resumo em inglês OBJECTIVES: To identify the frequency of the Acute Kidney Injury and to compare the application of the AKIN classification with the separate use of the serum creatinine in the postoperative period of cardiac surgery. METHODS: This study was prospectively developed in a teaching and specialized research hospital in cardiology of the public health system of the state of São Paulo. Forty-four patients submitted to the elective cardiac surgery since the immediate post-surgic (mais) al period up to the 2nd post-surgical period were followed. RESULTS: It was possible to verify that from the forty-four patients, 75% were hypertensive, 27% were diabetic and mostly were male (64%), with an average age of 55+16 years old. It was observed that advanced age and the elevated body mass index shows a significant correlation to renal dysfunction (p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

72

Mortalidade global e cardiovascular e fatores de risco de pacientes em hemodiálise/ Global and cardiovascular mortality and risk factors in patients under hemodialysis treatment/ Mortalidad global y cardiovascular y factores de riesgo de pacientes en hemodiálisis

Almeida, Fátima Aparecida A.; Machado, Felipe Carrhá; Moura Junior, José Andrade; Guimarães, Armênio Costa
2010-02-01

Resumo em português FUNDAMENTO: Mortalidade global e cardiovascular (CV) elevada de pacientes em hemodiálise. OBJETIVO: Avaliação da mortalidade global e CV e identificação do risco de pacientes em hemodiálise. MÉTODOS: Estudo observacional, prospectivo. Estudados 334 pacientes em três anos. Desfechos primários: mortalidade global e CV. Sobrevida avaliada pelo método de Kaplan-Meier. Identificação de variáveis de risco pela Regressão de Cox, bi e multivariada. RESULTADOS: Foram (mais) estudados 189 (56,6%) homens, idade 48,8 ± 14,2 anos, maioria de não brancos (295[88,3%]) e com escolaridade de 0 a menor que 8 anos (211[63,2%]). Mortalidade total de 21,6% (72/334), 50% sobrevivendo 146 meses, e mortalidade CV de 41,7%(30/72), 75% sobrevivendo 141 meses. Na análise bivariada, o RR de óbito não cardiovascular (ONCV) e CV aumentou com Idade >60 anos, Hb 126 mg/dl; de ONCV apenas, com baixa escolaridade, viuvez, Hb100 mg/dl, produto Ca x P 9,2 mg/dl; diminuiu com PA>140/90 mmHg (antes da sessão de HD) e Ht>36%; de óbito CV apenas, aumentou com creatinina >9,4 mg/dl. Na análise multivariada, o RR de ONCV e CV aumentou com idade >60 anos e Hb126 mg/dl e o de ONCV com taxa de remoção de ureia na hemodiálise (Kt/V) 60 anos e Hb126 mg/dl e ONCV Kt/V Resumo em espanhol FUNDAMENTO: Mortalidad global y cardiovascular (CV) elevada de pacientes en hemodiálisis OBJETIVO: Evaluación de la mortalidad global y CV e identificación del riesgo de paciente en hemodiálisis. MÉTODOS: Estudio observacional, prospectivo. Estudiados 334 pacientes en tres años. Desenlaces primarios: mortalidad global y CV. Sobrevida evaluada por el método de Kaplan-Meier. Identificación de variables de riesgo por la Regresión de Cox, bi y multivariada. RESULTADO (mais) S: Se estudiaron 189 (56,6%) hombres, edad 48,8 ± 14,2 años, mayoría no blancos (295[88,3%]) y con escolaridad de 0 a menor que 8 años (211[63,2%]). Mortalidad total de 21,6% (72/334), 50% sobreviviendo 146 meses, y mortalidad CV de 41,7% (30/72), 75% sobreviviendo 141 meses. En el análisis bivariado, el RR de óbito no cardiovascular (ONCV) y CV aumentó con edad > 60 años, Hb 126 mg/dl; sólo de ONCV, con baja escolaridad, viudez, Hb 100 mg/dl, producto Ca x P 9,2 mg/dl; disminuyó con PA > 140/90 mmHg (antes de la sesión de HD) y Ht > 36%; de óbito CV solamente, aumentó con creatinina > 9,4 mg/dl. En el análisis multivariado, el RR de ONCV y CV aumento con edad > 60 años y Hb 126 mg/dl y el de ONCV con tasa de remoción de urea en la hemodiálisis (Kt/V) 60 años y Hb 126 mg/dl y ONCV Kt/V Resumo em inglês BACKGROUND: There is a high global and cardiovascular mortality rate among patients who need hemodialysis. OBJECTIVE: To assess global and cardiovascular mortality and to identify the risk factors in patients who undergo hemodialysis. METHODS: Observational, prospective study. A total of 334 patients were studied within three years. Primary outcomes: global and cardiovascular mortality. Survival was assessed through Kaplan-Meier method, and the risk variables were identif (mais) ied by means of bivariate and multivariate Cox regression. RESULTS: A total of 189 men (56.6%), aging 48.8 ± 14.2, majority non-white (295, 88.3%) and who did finished the elementary school (211, 63.2%). Global mortality rate was 21.6%, with a 50% rate of 146-month survival; cardiovascular mortality rate was 41.7% (30/72), with a 75% rate of 141-month survival. In the bivariate analysis, the relative risk (RR) for non-cardiovascular and cardiovascular death increased when age >60 years old was Hb126 mg/dl. Only non-cardiovascular death with low school grade and widow, Hb100 mg/dl, Ca product x P9.2 mg/dl decreased with blood pressure (BP) >140/90 mmHg (before hemodialysis session) and Ht>36%; Obit due only to cardiovascular factors increased with creatinine >9.4 mg/dl. In the multivariate analysis, non-cardiovascular and cardiovascular RR increased with age >60 years old and Hb126 mg/dl, and non-cardiovascular death RR increased with urea removal rate in hemodialysis (Kt/V) 60 years old and Hb126 mg/dL, and for non-cardiovascular cause of death, Kt/V

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

73

Catarata e diabetes mellitus tipo 1/ Cataract and type 1 diabetes mellitus

Pizzol, Melissa Manfroi Dal; Esteves, Jorge Freita; Sccoco, Caio Augusto; Roggia, Murilo Felix; Rosa, Carolina Maurente da; Lambert, José Humberto Franco; Canani, Luís Henrique
2008-08-01

Resumo em português OBJETIVO: Avaliar a prevalência de catarata e seus fatores de risco em uma população portadora de diabetes mellitus tipo 1 (DM1). MÉTODOS: Estudo de casos e controles de um banco de dados de 181 pacientes (362 olhos) com diagnóstico de diabetes mellitus tipo 1. Os pacientes foram classificados como casos quando apresentavam diagnóstico de catarata. As variáveis estudadas foram a presença ou não de retinopatia diabética, tratamento com panfotocoagulação, presen (mais) ça de hipertensão arterial sistêmica e neuropatia periférica, colesterol total, triglicerídios séricos, HDL, LDL, índice de massa corporal, creatinina sérica, albuminúria, hemoglobina glicosilada e glicemia de jejum. RESULTADOS: A prevalência de catarata foi de 19,9%. Na análise univariada foi encontrada associação estatisticamente significativa (p Resumo em inglês PURPOSE: To evaluate the prevalence of cataract and associated risk factors in a diabetic type 1 population. METHODS: 181 patients (362 eyes) were evaluated in a case-control study. Cases were classified when cataract was present at the time of the examination. The studied outcomes were the presence of diabetic retinopathy, retinal panphotocoagulation, high blood pressure, peripheral neuropathy, total cholesterol levels, triglyceride levels, HDL, LDL, body mass index, cre (mais) atinine levels, albuminuria, glycosylated hemoglobin and glycemia levels. RESULTS: Cataract was present in 19.9% of the studied patients. The association of the presence of cataract and diabetic retinopathy, peripheral neuropathy, elevated levels of creatinine, panphotocoagulation and high blood pressure were statistically significant (univariate analysis). After the logistic regression analysis the presence of cataract was significantly associated with the presence of diabetic retinopathy. CONCLUSION: The prevalence of cataract was 19.9% and the presence and severity of the diabetic retinopathy were the main risk factors for its development.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

74

Avaliação quanto à presença de microalbuminúria e hiperfiltração glomerular no estágio de tolerância à glicose diminuída/ Microalbuminuria, glomerular hyperfiltration, and impaired glucose tolerance

Cruz, Ney de Souza; Sartori, Maria Salete; Santos, Maria Luiza dos; Aragon, Flávio Ferrari; Padovani, Carlos Roberto; Pimenta, Walkyria de Paula
2003-04-01

Resumo em português Na fase de tolerância à glicose diminuída (TGD) já estão presentes vários distúrbios metabólicos característicos do diabetes mellitus tipo 2 e fatores de risco que predispõem à vasculopatia. Nosso objetivo foi o de verificar se indivíduos de nossa população, com TGD e normotensos, apresentam elevação da excreção urinária de albumina (EUA) e da depuração de creatinina (D Cr). Teste oral de tolerância à glicose padrão com dosagem de insulina foi real (mais) izado, classificando os participantes em dois grupos: com TGD e com tolerância à glicose normal (TGN). Urina do período noturno foi utilizada para a determinação da EUA (imunoturbidimetria) e da D Cr. Os dois grupos não diferiram quanto à EUA e à D Cr. A freqüência de microalbuminúria foi de 21,1 e 3,3%, respectivamente, para os grupos com TGD e TGN (NS). Concluímos que, nesta amostra da população brasileira, indivíduos com TGD, normotensos e com resistência à insulina não apresentaram microalbuminúria e hiperfiltração glomerular. Resumo em inglês In the impaired glucose tolerance (IGT) phase, there are already several characteristic metabolic abnormalities and risk factors in type 2 diabetes mellitus, which predispose them to develop vasculopathy. We looked for increased urinary albumin excretion (UAE) and creatinine clearance (C Cr) in Brazilians with IGT and normal blood pressure. The standard oral glucose tolerance test with plasma insulin was performed to classify participants into two groups: IGT and normal g (mais) lucose tolerance (NGT). Overnight urine collection was used to assess the UAE (immunoturbidimetry) and C Cr. No differences were observed between the groups in regarding UAE and C Cr. The frequency of microalbuminuria was 21.1 and 3.3% for the IGT and NGT groups, respectively (NS). In conclusion, Brazilians with IGT, normal blood pressure and insulin resistance did not present microalbuminuria or glomerular hyperfiltration.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

75

Perfil bioquímico sorológico de bovinos inoculados experimentalmente com veneno crotálico iodado livre e iodado incorporado em liposomas/ Serological biochemical profile of bovines poisoned experimentally with free iodized crotalic poison and iodized incorporated in lipossomes

Lago, L.A.; Marques Junior, A.P.; Melo, M.M.; Lago, E.P.; Oliveira, N. J. F.; Alzamora Filho, F.
2004-10-01

Resumo em português Investigou-se o perfil sorológico de bovinos inoculados com veneno crotálico detoxificado pelo método de iodação e iodação com encapsulação em liposomas. Onze fêmeas com idade média de 18 meses e peso médio de160kg, foram inoculadas com 0,03mg/kg de peso vivo do veneno crotálico do tipo crotamina positivo. Cinco animais receberam o veneno iodado livre, cinco o iodado encapsulado em liposomas e um animal recebeu o mesmo veneno na forma natural, para controle d (mais) a letalidade da amostra de veneno utilizada. Não houve alterações significativas na concentração de proteínas totais, uréia e creatinina em ambos os tratamentos. Foi observada diferença significativa na concentração de creatinafosfoquinase a partir de duas horas após a inoculação do veneno. A iodação do veneno crotálico, com ou sem incorporação em liposomas, suprimiu seus efeitos deletérios sobre o perfil bioquímico de bovinos. Resumo em inglês It was studied the activity of the Crotalus venom detoxified encapsulated in lipossomes or non-encapsulated by the method of controlled iodination on the biochemical profile of bovines. Eleven 18-months-old female bovines, weighting 160kg in average were used in this study. Groups of five animals were inoculated intramuscularly with a dose of 0,03mg/kg with either the detoxified non-encapsulated venom or the detoxified encapsulated venom. One control animal received the s (mais) ame dose of non detoxified venom by the same route. No significant differences were observed between the study groups for the parameters of total protein, urea and creatinine. Differences were observed for creatine phosfokinase at times T O and T12 for the group treated with the iodinated venom encapsulated in liposomes. The detoxification process abolished the activity of the venom in the encapsulated or nonencapsulated form on the biochemical parameters and renal activity of bovine.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

76

A influência do turno de trabalho em pacientes com diabetes mellitus tipo 2/ The influence of the work shift in patients with type 2 diabetes

Rodrigues, Ticiana C.; Canani, Luis Henrique S.
2008-04-01

Resumo em português OBJETIVOS: O objetivo deste estudo foi investigar a relação entre trabalho em turnos e pacientes diabéticos tipo 2. MÉTODOS: Um estudo transversal foi realizado em uma coorte de 95 pacientes diabéticos que trabalham no Hospital de Clínicas de Porto Alegre. Os pacientes foram divididos em dois grupos de acordo com o turno de trabalho noturno e diurno. Os pacientes foram submetidos à avaliação clínica e laboratorial. RESULTADOS: Não houve diferença significativa (mais) em relação à idade, sexo, duração do diabetes, índice de massa corporal, glicemia de jejum, teste A1c, triglicerídeos, colesterol total, LDL colesterol, HDL colesterol, creatinina sérica e ácido úrico. Maior média de circunferência abdominal foi encontrada no grupo de trabalhadores noturnos. CONCLUSÃO: A circunferência abdominal foi mais elevada no grupo de trabalhadores noturnos. Isto pode ser um indicativo de maior resistência insulínica neste grupo de pacientes. Nossa pesquisa indica que o trabalho em turnos não esta associado com piora no controle metabólico em indivíduos diabéticos, nem com a presença de nefropatia diabética. Resumo em inglês OBJECTIVE: This study aimed to investigate the relationship between the work shift and diabetic patients. METHODS: A cross-section study was performed in a cohort of 95 type 2 diabetic patients that work in the Hospital de Clinicas de Porto Alegre. Patients were divided into 2 groups according to the shift, day or night work. Patients underwent clinical and laboratory evaluations. RESULTS: There were no significant differences in age, gender, diabetes duration, body mass (mais) index, blood pressure, fasting glucose, A1c (1%), triglycerides, total cholesterol, LDL cholesterol, HDL cholesterol, serum creatinine and uric acid. A higher average of waist circumference was found in the group of night workers. CONCLUSION: Waist circumference was greater in the group of night workers; which may be indicative of insulin resistance in this group of patients. Our research indicates that the shift is not associated with a worsening of metabolic control in subjects or presence of diabetic nephropathy.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

77

Diferentes vias de administração da solução de fosfato monobásico e dibásico de sódio no preparo do cólon para colonoscopia rígida em cães/ Different routes in administration of sodium phosphate monobasic and dibasic solution in bowel preparation for rigid colonoscopy in dogs

Trindade, A.B.; Brun, M.V.; Pöhl, V.H.; Basso, P.C.; Bortolini, C.E.; Bracellos, L.J.G.
2009-08-01

Resumo em português Foram comparadas duas vias de administração, oral e retal, com a solução de fosfato monobásico e dibásico de sódio (NaP), juntamente com bisacodil via oral, no preparo do cólon para colonoscopia rígida em cães, para avaliar parâmetros clínicos, qualidade do preparo e variações dos eletrólitos fósforo, cálcio, potássio (K+) sódio (Na+) e magnésio (Mg+), além da creatinina, albumina e hemograma. Todos os eletrólitos apresentaram alterações, sendo sig (mais) nificativa a queda nos níveis de K+ e Mg+. Não houve alterações eletrocardiográficas, e a redução da microbiota bacteriana foi confirmada nos dois grupos de administração da solução. Os resultados foram similares quanto à incidência de efeitos colaterais, porém a via retal apresentou facilidade na administração, menor retenção fecal no cólon, maior rapidez para realização da colonoscopia, com menor desperdício de tempo na lavagem e na aspiração do conteúdo fecal. O preparo intestinal com bisacodil oral e solução de NaP por via retal foi mais eficaz, podendo ser recomendado em cães que serão submetidos à colonoscopia. Resumo em inglês The efficacy of oral and rectal administration of sodium phosphate monobasic and dibasic solution (NaP) combined with bisacodil per oral, as drugs to prepare the colon for rigid colonoscopy in dogs was compa1ed. Clinical parameters; colonic cleaning, plasma concentration of calcium, potassium (K+), sodium (Na+), magnesium (Mg+), creatinine, and albumin, and complete blood count were evaluated. In both groups, all electrolytes presented alterations, with significant reduct (mais) ion of the levels of K+ and Mg+, but there were no electrocardiographic alterations. No difference in the reduction of bacterial population was observed between the two groups. The results were similar regarding the incidence of side effects; however, the rectal route presented less fecal retention in colon and could get patients ready for the procedure faster. The preparation of bowel with bisacodil and NaP solution by rectal route was more effective and could be recommended for colonoscopy in dogs.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

78

Síndrome pulmonar e cardiovascular por hantavírus: aspectos clínicos de uma doença emergente no sudeste brasileiro/ Pulmonary and cardiovascular syndrome due to hantavirus: clinical aspects of an emerging disease in southeastern Brazil

Campos, Gelse Mazzoni; Borges, Alessandra Abel; Badra, Soraya Jabur; Figueiredo, Glauciane Garcia; Souza, Ricardo Luiz Moro de; Moreli, Marcos Lázaro; Figueiredo, Luiz Tadeu Moraes
2009-06-01

Resumo em português A síndrome pulmonar e cardiovascular por hantavírus é doença causada pela aspiração de aerossóis dos dejetos de roedores silvestres contaminados por vírus da família Bunyaviridae. Estudamos manifestações clínicas e laboratoriais de 70 casos ocorridos de 1998 a 2007 na região de Ribeirão Preto, SP. A freqüência de sintomas foi dispnéia (87%), febre (81%), tosse (44%), cefaléia (34%), taquicardia (81%), hipotensão arterial (56%), hipóxia (49%), acidose m (mais) etabólica (57%), linfocitopenia (51%), hematócrito >45% (70%), leucocitose com desvio à esquerda (67%), creatinina (51%) e uréia (42%) séricas elevadas. A letalidade (54,3%) ocorreu principalmente no 4o dia. Insuficiência respiratória, hipotensão arterial e choque ocorreu 24-48 horas; o hematócrito elevado e a plaquetopenia são sinais fortemente sugestivos da doença. A hipótese diagnóstica de pneumonia atípica associada a bom prognóstico (p:0,0136); a infusão hídrica >2.000ml e hipotensão arterial associadas a mau prognóstico (p:0,0286 e p:0,0453). Resumo em inglês Pulmonary and cardiovascular syndrome due to hantavirus is a disease caused by inhalation of aerosols from the excreta of wild rodents contaminated by viruses of the Bunyaviridae family. We studied the clinical and laboratory manifestations of 70 cases that occurred in the region of Ribeirão Preto, SP, Brazil, between 1998 and 2007. The frequency of symptoms was as follows: dyspnea (87%), fever (81%), coughing (44%), headache (34%), tachycardia (81%), low arterial blood (mais) pressure (56%), metabolic acidosis (57%), lymphocytopenia (51%), hematocrit > 45% (70%), leukocytosis with left deviation (67%), creatinine (51%) and urea (42%). Mortality (54.3%) occurred mainly on the fourth day. Respiratory insufficiency, low arterial blood pressure and shock occurred after 24 to 48 hours. High hematocrit and decreased platelet levels were signs strongly suggestive of the disease. The diagnostic hypothesis of atypical pneumonia was associated with a good prognosis (p = 0.0136). Fluid infusion greater than 2,000 ml and arterial hypotension were associated with a poor prognosis (p = 0.0286 and p = 0.0453).

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

79

Características clínico-evolutivas de 134 pacientes com histoplasmose disseminada associada a SIDA no Estado do Ceará/ Clinical and evolutionary characteristics of 134 patients with disseminated histoplasmosis associated with AIDS in the State of Ceará

Pontes, Lícia Borges; Leitão, Terezinha do Menino Jesus Silva; Lima, Gabrielle Gurgel; Gerhard, Emília Santiago; Fernandes, Thyago Araújo
2010-02-01

Resumo em português INTRODUÇÃO: Desde o início da epidemia de HIV no Ceará, histoplasmose disseminada tem sido detectada com frequência em pacientes com aids. MÉTODOS: De modo a conhecer características clínico-laboratoriais, evolução e sobrevida da co-infecção HD/AIDS, analisou-se retrospectivamente 134 prontuários casos de HD internados de 1999 a 2005 no hospital referência para HIV no Ceará. RESULTADOS: Pacientes com HD apresentaram maior frequência de febre diária, tosse (mais) , perda de peso, hepatoesplenomegalia e insuficiência renal aguda. Diagnóstico foi dado por pesquisa e/ou cultura. À admissão, foram fatores de risco relacionados ao óbito de pacientes com HD: vômitos, dispnéia, insuficiência respiratória e IRA, hemoglobina40mg/dL e creatinina >1,5mg/dL. CONCLUSÕES: pacientes com HD apresentaram caracteristicamente febre mais elevada, internamentos anteriores por infecção respiratória, mais complicações clínicas e como fatores independentes para óbito, anemia importante e elevação de uréia. Resumo em inglês INTRODUCTION: Since the beginning of the HIV epidemic in Ceará, disseminated histoplasmosis (DH) has often been detected among AIDS patients. METHODS: In order to investigate the clinical and laboratory characteristics, evolution and survival of cases of DH/AIDS coinfection, the medical records on 134 cases of DH admitted to a reference hospital in Ceará between 1999 and 2005 were analyzed. RESULTS: Patients with DH presented higher frequency of daily fever, coughing, w (mais) eight loss, enlarged liver and spleen and acute kidney failure. The diagnosis was made using investigation and/or cultures. At admission, the following were risk factors for death among DH patients: vomiting, dyspnea, respiratory failure, acute kidney failure, hemoglobin 40mg/dl and creatinine >1.5 mg/dl. CONCLUSIONS: Patients with DH characteristically presented higher fever, previous hospitalization due to respiratory infection and more clinical complications. Significant anemia and elevated urea were independent risk factors for death among DH patients.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

80

Hemograma e perfil bioquímico sérico, inclusive hemogasométrico, de bezerros infectados experimentalmente com Salmonella Dublin/ Blood cell counts and serum biochemical profile, including blood gas levels, in Salmonella Dublin-infected calves

Silva, D.G.; Silva, P.R.L.; Fagliari, J.J.
2010-04-01

Resumo em português O objetivo do estudo foi avaliar o hemograma e o perfil bioquímico sérico, inclusive hemogasométrico, de bezerros infectados experimentalmente com Salmonella Dublin. Foram utilizados 12 bezerros sadios da raça Holandesa com 10 a 15 dias de idade, distribuídos aleatoriamente em dois grupos experimentais: grupo-controle (n= 6) e grupo infectado com 10(8)UFC de Salmonella Dublin (n=6). Os bezerros foram submetidos ao exame físico diário, e as amostras de sangue foram (mais) coletadas minutos antes da inoculação (0h) e 24, 48, 72, 96, 120, 144 e 168h após a inoculação. Além do hemograma e das análises hemogasométricas, foram mensuradas as atividades séricas das enzimas aspartato aminotransferase (AST), fosfatase alcalina (ALP), creatina cinase (CK), gamaglutamiltransferase (GGT) e lactato desidrogenase (LDH), e os teores de albumina, bilirrubinas, cálcio total, cálcio ionizado, sódio, potássio, cloretos, creatinina, ferro, fibrinogênio, fósforo, glicose, magnésio, proteína totais e ureia. As principais alterações foram: redução das concentrações de albumina, ferro, glicose, magnésio e proteína total, aumento do teor de fibrinogênio, leucocitose e acidose metabólica e hiponatremia. Resumo em inglês The blood cell counts and biochemical profile, including blood gas levels, were evaluated, in Salmonella Dublin-infected calves. Twelve healthy 10 to 15-day old Holstein calves were randomly allotted into two groups: control (n=6) and group orally infected with 10(8) CFU Salmonella Dublin (n=6). The calves were submitted to physical examination and the blood samples were taken just before the inoculation (0h) and at 24, 48, 72, 96, 120, 144, and 168h later. Besides, blood (mais) cell counts, blood gas levels, and the serum concentrations of aspartate aminotransferase (AST), alkaline phosphatase (ALP), creatine kinase (CK), gammaglutamyltransferase (GGT), lactate desidrogenase (LDH), albumin, bilirubin, total calcium, ionic calcium, sodium, potassium, chlorides, creatinine, iron, fibrinogen, phosphorus, glucose, magnesium, total protein, and urea were measured. The main findings included decrease in albumin, iron, glucose, magnesium, and total protein concentrations, and increase in fibrinogen level, leukocytosis, metabolic acidosis, and hyponatremia.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

81

Prevalência e fatores associados à bacteremia nos portadores de colecistite aguda litiásica/ Bacteremia - prevalence and associated factors in patients with acute calculous cholecystitis

Baitello, André Luciano; Colleoni Neto, Ramiro; Herani Filho, Benedito; Cordeiro, José Antônio; Machado, Antônia M. O.; Godoy, Moacir F.; Gaia, Felipe Franco Pinheiro
2004-12-01

Resumo em português OBJETIVO: Determinar a prevalência de bacteremia e os fatores associados no período pré-operatório em portadores de colecistite aguda litiásica e analisar comparativamente as complicações e mortalidade nos pacientes com e sem bacteremia, que foram submetidos a colecistectomia de urgência. MÉTDODOS: Foram estudados, prospectivamente, 51 pacientes com diagnóstico histopatológico de colecistite aguda litiásica. O sistema Bactec foi o método utilizado para a dete (mais) cção de bacteremia. As médias dos grupos foram analisadas quanto às variáveis clínicas e laboratoriais, relacionando-as com a bacteremia. RESULTADOS: A prevalência de bacteremia no pré-operatório foi de 15,68%, e a idade (p=0,024), a freqüência cardíaca (p=0,026), a freqüência respiratória (p=0,028), a creatinina (p=0,028) e a presença da SIRS (Síndrome da Resposta Inflamatória Sistêmica, p=0,016) associaram-se positivamente com a bacteremia. Nos portadores de bacteremia verificou-se um óbito, maior número de complicações gerais (p=0,045) e infecciosas (p=0,039) e maior tempo de internação (p Resumo em inglês BACKGROUND: Bacteremia seems to increase the morbidity and mortality in clinical and surgical conditions, however the importance and factors associated with it during acute calculous cholecystitis are not well established. The purpose of this study was to determine pre-operative prevalence, associated factors and prognosis of bacteremia in patients with acute calculous cholecystitis submitted to an emergency cholecystectomy. METHODS: A prospective study of 51 patients wit (mais) h histological diagnosis of acute calculous cholecystitis was designed. The Bactec System was used to detect bacteremia. Mean results of clinical and laboratory analyses were related to the presence of bacteremia. RESULTS: The pre-operative prevalence of bacteremia was of 15.68%. Age (P=0.024), heart rate (P=0.026), respiratory rate (P=0.028), serum creatinine (P=0.028) and presence of systemic inflammatory response syndrome (P=0.016) were positively associated with bacteremia. Bacteremic patients had statistically higher overall (P=0.045) and infectious (P=0.039) complication rates and longer hospitalization (P

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

82

Efeitos da intoxicação por lítio sobre a locomoção de ratos em um modelo animal de insuficiência renal aguda cirurgicamente induzido/ Lithium toxicity effects on rat locomotion evidenced by a surgical animal model of acute kidney failure

Bittencourt, José Augusto Ferreira; Lopes, Dariane Pereira; Zago, Glauco; Gomes, Henrique Basso; Boeno, Andrey Cechin; Lucas, Márcio; Dacanal, Francisco; Rhoden, Cláudia; Rhoden, Ernani Luís
2001-06-01

Resumo em português INTRODUÇÃO: O lítio é um metal usado sob a forma de sal para tratamento de episódios agudos de mania e no controle profilático de desordens afetivas bipolares. Pacientes com algum grau de insuficiência renal podem rapidamente sofrer intoxicação por esse fármaco. Nosso objetivo foi verificar a influência da litemia na locomoção em um modelo animal cirurgicamente induzido de insuficiência renal aguda (IRA). MÉTODOS: Foram submetidos 61 ratos Wistar a tratamen (mais) to com lítio por uma semana previamente a nefrectomia unilateral. Trinta ratos foram induzidos a IRA. Foi administrado lítio ou solução fisiológica aos ratos e após observada sua locomoção e concentração de creatinina sérica. Utilizou-se análise estatítica. RESULTADOS: A creatina apresentou-se elevada nos ratos com IRA. A locomoção foi menor nos ratos com IRA que receberam lítio, havendo relação inversa entre a litemia e a atividade locomotora. CONCLUSÕES: O modelo animal cirúrgico de IRA foi efetivo. Ratos insuficientes renais que receberam lítio apresentaram alterações locomotoras comparados aos demais. O aumento da litemia causa diminuição proporcional na locomoção dos ratos. Resumo em inglês INTRODUCTION: Lithium is a metal used as a salt for the treatment of acute maniac episodes and for afetive bipolar disorders profilaxis. Patients with acute kidney failure (AKF) can become intoxicated fastly when taking this drug. Our purpose was verifying lithium influence in rat locomotion of na AKF surgical animal model. METHODS: It was used 61 wistar rats with one week lithium treatment previously to unilateral nefrectomy. Thirteen rats induced to AKF. It was administ (mais) red lithium or fisiologic solution and after that we checked their locomotion and serium creatinine. We had done statistic analisys. RESULTS: Creatinine was increased in AKF rats. Lithium treated AKF rats showed less locomotion, demonstrating na inverse relation between lithium blood and locomotion. CONCLUSION: AKF animal model was effective. AKF rats treated with lithium showed locomotion alteration compared with the others. Lithium blood increase leads to proporcional decrease of rat's locomotion.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

83

Diagnóstico de doença de Alzheimer no Brasil: critérios diagnósticos e exames complementares. Recomendações do Departamento Científico de Neurologia Cognitiva e do Envelhecimento da Academia Brasileira de Neurologia/ Diagnosis of Alzheimer's disease in Brazil: diagnostic criteria and auxiliary tests. Recommendations of the Scientific Department of Cognitive Neurology and Aging of the Brazilian Academy of Neurology

Nitrini, Ricardo; Caramelli, Paulo; Bottino, Cássio Machado de Campos; Damasceno, Benito Pereira; Brucki, Sonia Maria Dozzi; Anghinah, Renato
2005-09-01

Resumo em português Este consenso teve o objetivo de recomendar condutas baseadas em evidências para o diagnóstico clínico de doença de Alzheimer (DA) em nosso meio. Foram avaliados sistematicamente consensos elaborados em outros países e artigos sobre o diagnóstico de DA no Brasil disponíveis no PUBMED ou LILACS. Concluiu-se que o diagnóstico de demência deve basear-se nos critérios do Manual de Diagnóstico e Estatística da Associação Psiquiátrica Americana (DSM) e o de DA, n (mais) os de McKhann et al. (NINCDS-ADRDA). Os exames complementares recomendados são: hemograma completo, concentrações séricas de uréia, creatinina, tiroxina livre, hormônio tíreo-estimulante, albumina, enzimas hepáticas, vitamina B12 e cálcio, reações sorológicas para sífilis e, em pacientes com idade inferior a 60 anos, sorologia para HIV. Exame do líquido cefalorraqueano está indicado em situações particulares. Tomografia computadorizada (ou preferentemente ressonância magnética, quando disponível) é exame obrigatório e tem a finalidade principal de excluir outras doenças. Cintilografia de perfusão (SPECT) e EEG são métodos opcionais. Resumo em inglês This panel had the objective of recommending evidence-based guidelines for the clinical diagnosis of Alzheimer's disease (AD) in Brazil. Guidelines from other countries and papers on the diagnosis of AD in Brazil were systematically evaluated in a thorough research of PUBMED and LILACS databases. The panel concluded that dementia diagnosis should be based on the DSM criteria and AD diagnosis, on the McKhann et al. criteria (NINCDS-ADRDA). The recommended auxiliary tests a (mais) re: blood cell count, blood urea nitrogen, serum levels of creatinine, free-tyroxine, thyroid-stimulant hormone, albumin, hepatic enzymes, vitamin B12 and calcium, serological tests for syphilis and, for those aged less than 60 years, serological tests for HIV. Cerebrospinal fluid examination is recommended in special situations. Computed tomography (or preferentially magnetic resonance imaging, when available) is mandatory and has the main objective of excluding other diseases. SPECT and EEG are optional diagnostic methods.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

84

Aplicação do escore MELD em pacientes submetidos a transplante de fígado: análise retrospectiva da sobrevida e dos fatores preditivos a curto e longo prazo/ The application of MELD score in patients submitted to liver transplantation: a retrospective analysis of survival and the predictive factors in the short and long term

Boin, Ilka de Fátima Santana Ferreira; Leonardi, Marília Iracema; Udo, Elisabete Yoko; Sevá-Pereira, Tiago; Stucchi, Raquel Silveira Bello; Leonardi, Luiz Sergio
2008-12-01

Resumo em português RACIONAL: Utiliza-se o escore MELD (Model End-Stage Liver Disease) para o prognóstico da mortalidade em lista de espera para transplante de fígado e, em alguns estudos, para predição da sobrevida pós-operatória a longo prazo. OBJETIVO: Verificar a aplicação do escore MELD como predição da sobrevida após o transplante. MÉTODOS: Por intermédio de dados coletados prospectivamente efetuou-se um estudo de coorte longitudinal retrospectivo em 232 pacientes. Excluí (mais) ram-se os retransplantes, insuficiência hepática aguda, crianças e enxertos duplos ou reduzidos. Avaliaram-se os dados dos doadores: idade, sexo, peso, creatinina, bilirrubina, sódio, aspartato aminotransferase, antecedentes pessoais, causa da morte, presença de esteatose, número de critérios expandidos do doador e índice de risco do doador. Em relação aos receptores, analisaram-se as variáveis: sexo, idade, peso, doença hepática, pontos de Child-Turcotte-Pugh, escore MELD, depuração de creatinina, sódio, tempos de isquemia e de hospitalização, quantidade de hemoderivados transfundidos, presença e grau de disfunção do enxerto. A análise estatística foi efetuada usando-se a análise de regressão univariada e/ou múltipla, estatística 'c', teste exato de Fisher, método de Kaplan-Meier (teste log-rank) para sobrevida, e análise de regressão de Cox para risco de óbito ajustado para as condições clínicas. RESULTADOS: O ponto de corte MELD para sobrevida foi 20 e de Child-Turcotte-Pugh foi 11,5. Para escore MELD maior ou igual a 20, os fatores preditivos de sobrevida foram: volume de sangue transfundido, disfunção do enxerto e o sódio do doador. Para os hiponatrêmicos os fatores preditivos de sobrevida foram: volume de sangue transfundido, disfunção do enxerto e sódio do doador. A sobrevida estimada para pacientes com escore MELD >25 foi menor ao final de 12 meses (68,86% vs 39,13%). A sobrevida estimada para os pacientes sem hiponatremia foi maior (65,16% vs 44,44%). A sobrevida aos 5 e 10 anos também seguiu o mesmo padrão. O uso de doadores limítrofes não alterou a sobrevida, mas quando se utilizou o índice de risco do doador observou-se que a sobrevida foi maior para pacientes com índice de risco do doador menor que 1,7 (63,62% vs 53,70%). A associação deste índice com o escore MELD não mostrou diferença estatística em relação à sobrevida. Observou-se que a falência e disfunção do enxerto foram associadas ao número crescente de critérios expandidos do doador. Os receptores de doadores maiores de 50 anos tiveram menor sobrevida (65,58% vs 38,40%) e o escore delta-MELD não discriminou a sobrevida. CONCLUSÃO: A sobrevida dos receptores a curto e longo prazo é associada a escores MELD acima de 25, ao volume de sangue transfundido, à disfunção do enxerto, à hiponatremia, à idade do doador acima de 50 anos e àqueles doadores com índice de risco do doador acima de 1,7. Resumo em inglês BACKGROUND: The model for end-stage liver disease (MELD) was developed to predict short-term mortality in patients with cirrhosis. There are few reports studying the correlation between MELD and long-term posttransplantation survival. AIM: To assess the value of pretransplant MELD in the prediction of posttransplant survival. METHODS: The adult patients (age >18 years) who underwent liver transplantation were examined in a retrospective longitudinal cohort of patients, th (mais) rough the prospective data base. We excluded acute liver failure, retransplantation and reduced or split-livers. The liver donors were evaluated according to: age, sex, weight, creatinine, bilirubin, sodium, aspartate aminotransferase, personal antecedents, brain death cause, steatosis, expanded criteria donor number and index donor risk. The recipients' data were: sex, age, weight, chronic hepatic disease, Child-Turcotte-Pugh points, pretransplant and initial MELD score, pretransplant creatinine clearance, sodium, cold and warm ischemia times, hospital length of stay, blood requirements, and alanine aminotransferase (ALT >1,000 UI/L = liver dysfunction). The Kaplan-Meier method with the log-rank test was used for the univariable analyses of posttransplant patient survival. For the multivariable analyses the Cox proportional hazard regression method with the stepwise procedure was used with stratifying sodium and MELD as variables. ROC curve was used to define area under the curve for MELD and Child-Turcotte-Pugh. RESULTS: A total of 232 patients with 10 years follow up were available. The MELD cutoff was 20 and Child-Turcotte-Pugh cutoff was 11.5. For MELD score > 20, the risk factors for death were: red cell requirements, liver dysfunction and donor's sodium. For the patients with hyponatremia the risk factors were: negative delta-MELD score, red cell requirements, liver dysfunction and donor's sodium. The regression univariated analyses came up with the following risk factors for death: score MELD > 25, blood requirements, recipient creatinine clearance pretransplant and age donor >50. After stepwise analyses, only red cell requirement was predictive. Patients with MELD score 25 were 39.13%, 29.81% and 22.36% respectively. Patients without hyponatremia were 65.16%, 50.28% and 41,98% and with hyponatremia 44.44%, 34.28% and 28.57% respectively. Patients with IDR > 1.7 showed 53.7%, 27.71% and 13.85% and index donor risk 50 years showed 38.4%, 26.21% and 13.1% and age donor

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

85

Fatores pré-operatórios associados à injúria renal aguda após cirurgia cardíaca: estudo prospectivo/ Preoperative factors for the development of acute kidney injury after cardiac surgery: prospective study

Kochi, Ana Cláudia; Martins, Antonio Sergio; Lima, Maria Cristina Pereira; Martin, Luis Cuadrado; Balbi, André Luis
2008-06-01

Resumo em português OBJETIVO: Avaliar as características clínicas e as comorbidades pré-operatórias associadas ao desenvolvimento de injúria renal aguda (IRA) em pacientes submetidos a cirurgia cardíaca em hospital universitário de atendimento predominantemente terciário. MÉTODOS: Foram estudados, prospectivamente, 150 pacientes submetidos a cirurgia cardíaca no Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Botucatu - UNESP, através de protocolo de estudo iniciado 48 horas an (mais) tes da cirurgia e encerrado 48 horas após. IRA foi definida como aumento da creatinina sérica basal em 30%. Os resultados foram apresentados como média ± desvio padrão ou mediana, com nível de significância de 5%. RESULTADOS: Houve leve predomínio de homens (57%), sendo a idade média da população estudada de 56 ± 14 anos. Sessenta e cinco por cento dos pacientes foram submetidos à revascularização miocárdica. IRA foi diagnosticada em 34% dos casos. Após análise multivariada, idade maior que 60 anos e doença vascular periférica associaram-se de modo significativo ao desenvolvimento de IRA. CONCLUSÃO: IRA foi uma complicação freqüente em pacientes submetidos a cirurgia cardíaca no Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Botucatu - UNESP. Idade maior que 60 anos e presença de doença vascular periférica estiveram significativamente associados com o desenvolvimento desta complicação. Resumo em inglês OBJECTIVES: To evaluate the clinical characteristics and co-morbidities associated with development of Acute kidney injury (AKI) after cardiac surgery in patients of a predominantly tertiary care university hospital. METHODS: One hundred and fifty cardiac surgery patients were prospectively studied at the Botucatu School of Medicine University Hospital - UNESP, using a protocol which started 48h before and finished 48h after surgery. AKI was defined as a 30% increase in b (mais) aseline serum creatinine. RESULTS: Were expressed as mean ± standard deviation or median, with a significance level of 5%. Results: There was a slight male predominance (57%); mean age of the studied population was 56±14 years. Sixty-five per cent of patients underwent myocardial revascularization. AKI was diagnosed in 34% of cases. Multivariate analysis showed that age over 60 years and peripheral vascular disease were significantly associated with AKI development. CONCLUSION: AKI was a common complication in cardiac surgery patients at this hospital. AKI was associated with age over 60 years and presence of peripheral vascular disease.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

86

Avaliação nutricional de remadores competitivos/ Nutritional assessment of competitive rowers

Santinoni, Erika; Soares, Eliane de Abreu
2006-04-01

Resumo em português O remo teve início como um meio de sobrevivência, transporte ou forma de atuar em guerras. Atualmente, é uma modalidade esportiva que utiliza membros superiores e inferiores para a propulsão do barco, sendo utilizadas vias aeróbicas e anaeróbicas. Tem-se como objetivo revisar os fatores dietéticos, antropométricos e bioquímicos que possam auxiliar na avaliação e orientação nutricional de remadores, visando melhorar o desempenho desses atletas. Por ser uma ati (mais) vidade de alta intensidade (aproximadamente 85% do volume máximo de oxigênio) e curta duração (cinco a oito minutos), ressalta-se a importância do consumo adequado de carboidratos, embora estudos demonstrem que remadores ingerem menos carboidratos que o recomendado, podendo comprometer estoques de glicogênio muscular bem como a imunidade. As categorias são divididas em função do sexo, faixa etária e massa corporal, o que faz da antropometria um método de seleção de remadores para competições no nível nacional e internacional. Devido ao elevado volume e à intensidade de treinamento, o atleta está susceptível a alterações plasmáticas de alguns metabólitos, como a uréia e creatinina, podendo ser diagnosticadas por meio da avaliação bioquímica. Logo, qualquer fator que contribua para a otimização da avaliação nutricional e conseqüente orientação de um remador deve ser estudado. Resumo em inglês Rowing started out as a means of survival, transport or way of performing in wars. Nowadays it is a sport modality that uses the upper and lower limbs to propel the boat, using both aerobic and anaerobic pathways. This review aims to describe the dietetic, anthropometric and biochemical factors that could help in the nutritional assessment and orientation of rowers, with the objective of improving their performance. Since it is a high intensity (approximately 85% of the m (mais) aximal oxygen uptake) and short duration (5 to 8 minutes) exercise, it is very important to have an adequate daily intake of carbohydrates, although several studies have shown that rowers eat less carbohydrate than the recommended amount, possibly compromising their glycogen stores, performance and immunity. The categories are divided according to gender, age and body weight. Thus, the anthopometric variables are a criterion for the selection of rowers to participate in competitions at the national and international levels. Due to the high volume and intensity of the training, the athlete is susceptible to the plasmatic alteration of some metabolites, such as urea and creatinine, which can be diagnosed by biochemical assessment. Thus, any factor that could contribute to the optimization of the nutritional assessment and orientation of rowers should be studied.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

87

Fornecimento de suplementos com diferentes níveis de energia e proteína para vacas Jersey e seus efeitos sobre a instabilidade do leite/ Supply of supplements with different levels of energy and protein to Jersey cows and their effects on milk instabilty

Marques, Lúcia Treptow; Fischer, Vivian; Zanela, Maira Balbinotti; Ribeiro, Maria Edi Rocha; Stumpf Junior, Waldyr; Manzke, Naiana
2010-12-01

Resumo em português Objetivou-se avaliar o efeito de suplementos contendo três combinações de energia e proteína sobre a produção leiteira, as características físico-químicas do leite, o peso e a condição corporal e o perfil bioquímico sanguíneo de vacas. Foram utilizadas 24 vacas lactantes em campo natural, distribuídas em delineamento completamente casualizado, recebendo um dos seguintes suplementos: baixos níveis de energia e proteína; baixo nível de energia e alto nível (mais) de proteína; ou altos níveis de energia e proteína. Em comparação ao suplemento com baixos níveis de energia e proteína, aquele com altos níveis de energia e proteína reduziu a instabilidade do leite na prova do álcool, aumentou em 50% a produção de leite e em 18% o escore de condição corporal das vacas. Além disso, ocasionou aumento dos componentes do leite e do perfil bioquímico sanguíneo das vacas: 13% no teor de lactose; 9% no de extrato seco desengordurado; 21% nos níveis plasmáticos de glicose; 24% no teor de fósforo; 16% no nível de creatinina; 9% no teor de magnésio; e reduziu em 40% o teor de nitrogênio ureico. O suplemento com altos níveis de energia e proteína foi mais eficiente que os demais em melhorar a estabilidade do leite na prova do álcool, o escore de condição corporal e os teores de alguns componentes químicos do leite e do sangue. Resumo em inglês The aim of the study was to evaluate the effects of supplements with three combinations of energy and protein on milk production, milk physical and chemical characteristics, body weight, body condition score and blood biochemical profile of the cows. It was used, in this experiment, 24 lactating cows on natural fields distributed in a complete random design, receiving one of the following supplements: low levels of energy and protein, low level of energy and high level of (mais) protein or high levels of energy and protein. Compared to the low energy and protein supplement, high energy and protein supplement reduced milk instability in the alcohol test, it increased milk production in 50%, and body condition score of the cows in 18%. In addition, it increased milk components and blood biochemical profile of the cows: 13% in lactose content; 9% in non-fat dry extracts; 21% in glucose plasmatic levels, 24% in phosphorus content, 16% in creatinine content, 9% in magnesium contents; and it reduced ureic nitrogen in 40%. The supplement with high levels of energy and protein was more efficient than the others in improving milk stability in the alcohol test, body condition score and contents of some chemical components of the milk and of blood.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

88

Estimativa da produção microbiana em cabras lactantes alimentadas com diferentes teores de proteína na dieta/ Microbial protein synthesis in lactating goats fed diets with increasing levels of dietary protein

Fonseca, Carlos Elysio Moreira da; Valadares, Rilene Ferreira Diniz; Valadares Filho, Sebastião de Campos; Leão, Maria Ignez; Cecon, Paulo Roberto; Rodrigues, Marcelo Teixeira; Pina, Douglas dos Santos; Marcondes, Marcos Inácio; Paixão, Mônica Lopes; Araújo, Alexandre Magno
2006-06-01

Resumo em português Este trabalho foi conduzido com o objetivo de avaliar a produção microbiana em cabras alimentadas com diferentes teores de PB na dieta. Utilizaram-se 16 cabras lactantes distribuídas em quatro quadrados latinos 4 x 4, sendo um deles composto por cabras fistuladas alimentadas com diferentes teores de PB (11,5, 13,5, 15,5 e 17,5% PB na matéria seca) na dieta. Nas cabras fistuladas, realizaram-se coletas de digesta no rúmen e no omaso. Não foi constatada diferença ent (mais) re as técnicas de estimativa da produção microbiana. Assim, 12 cabras não fistuladas foram utilizadas para avaliação do efeito do teor de PB na dieta sobre a excreção de derivados de purinas, o fluxo de nitrogênio microbiano e a eficiência de síntese microbiana, obtidos a partir de coleta total e de amostras spot de urina. Para estimativa do volume urinário em amostras spot, utilizou-se a excreção média de creatinina na urina, que foi de 26,05 mg por kg de PV e não diferiu entre tratamentos. O volume urinário estimado com o uso de amostras spot foi similar ao observado com a coleta total. Em ambos os casos, houve aumento da quantidade de purinas absorvidas e do fluxo intestinal de nitrogênio microbiano com a elevação do teor de PB na dieta. Concluiu-se que a técnica dos derivados de purinas pode ser usada para estimativa da produção microbiana em caprinos e que o uso de amostras spot pode ser uma boa alternativa para se avaliar a produção microbiana em condições de campo. Resumo em inglês The objective of this trial was to study the effects of increasing dietary levels of crude protein (CP) on microbial protein synthesis of lactating dairy goats. The microbial markers purines bases and purine derivatives (PD), measured in spot urine samples or in urine samples from total collection, were used to estimate microbial protein synthesis. Sixteen lactating goats (four fitted with ruminal cannula) were randomly assigned to four replicated 4 x 4 Latin squares and (mais) were fed the following dietary CP levels [dry matter (DM) basis]: 11.5, 13.5, 15.5 or 17.5%. No significant differences were observed between techniques for estimating microbial protein synthesis. Therefore, 12 non-cannulated goats were used to evaluate the effect of dietary CP level on PD excretion, microbial nitrogen flow and microbial efficiency using either total or spot collection of urine. Because creatinine excretion did not differ among treatments, the average value 26.05 mg of urinary creatinine excreted per kg of body weight was used for estimating the volume of urine using spot samples. Urinary volume estimated using spot samples was similar to that measured with total urine collection. In both cases, an increase on the amount of absorbed purines was observed when the dietary CP level increased in the diet. In brief, PD can be used for estimating microbial protein synthesis in lactating goats and spot samples were a good alternative for total collection of urine.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

89

Influência das proteínas do soro sobre enzimas hepáticas, perfil lipídico e formação óssea de ratos hipercolesterolêmicos/ Influence of whey protein on liver enzymes, lipid profile and bone formation of hypercholesterolemic rats

Haraguchi, Fabiano Kenji; Pedrosa, Maria Lucia; Paula, Heberth de; Santos, Rinaldo Cardoso dos; Silva, Marcelo Eustáquio
2009-08-01

Resumo em português OBJETIVO: Avaliar o efeito do consumo das proteínas do soro do leite sobre parâmetros do metabolismo lipídico, hepático e renal, a formação óssea e as defesas antioxidantes de ratos submetidos à dieta hipercolesterolemiante. MÉTODOS: Trinta e dois ratos Fisher adultos foram divididos em 4 grupos, recebendo as seguintes dietas: grupo C, dieta padrão; grupo H, dieta hipercolesterolemiante; grupo PS, dieta padrão e proteínas do soro; grupo PSH dieta hipercolester (mais) olemiante e proteínas do soro. A ingestão alimentar e o ganho de peso foram monitorados semanalmente. Após 8 semanas, o sangue dos animais foi coletado para dosagem bioquímica e os animais foram eutanasiados. Foram utilizados os testes estatísticos, análise de variância e o teste de Tukey. RESULTADOS: As proteínas do soro não reduziram o colesterol plasmático de forma significante, e promoveram um aumento na concentração plasmática de triacilgliceróis nos animais hipercolesterolêmicos. No entanto, reduziram a atividade da aspartato aminotransferase e da fosfatase alcalina, assim como a concentração plasmática de creatinina. Não se observou nenhum efeito sobre as defesas antioxidantes avaliadas. As dietas contendo as proteínas do soro geraram ossos mais pesados, com maior diâmetro e comprimento que as dietas contendo caseína. CONCLUSÃO: As proteínas do soro não apresentaram um efeito hipocolesterolemiante significante em ratos. No entanto, impediram de forma significante a ocorrência de alterações nos parâmetros indicadores das funções hepáticas e renais provocadas pela dieta hipercolesterolemiante. Os dados sugerem também que as proteínas do soro afetam positivamente a formação óssea, quando comparados com as dietas contendo caseína como fonte protéica. Resumo em inglês OBJECTIVE: The aim of this study was to assess the effect of whey protein consumption on the lipid, hepatic and renal metabolism, bone formation and antioxidant defense system of rats given a hypercholesterolemic diet. METHODS: A total of 32 adult Fisher rats were divided into 4 groups: C group, standard diet; H group, hypercholesterolemic diet; WP group, standard diet with whey protein; WPH group, hypercholesterolemic diet with whey protein. Food ingestion and weight gai (mais) n were monitored weekly. After 8 weeks, blood was collected for biochemical analysis and the rats were killed. The statistical tests analysis of variance and Tukey's test were performed. RESULTS: Whey protein did not lower serum cholesterol significantly and increased serum triglycerides in hypercholesterolemic rats. However, whey protein decreased the activity of aspartate aminotransferase and alkaline phosphatase, as well as serum creatinine. The assessed antioxidant defenses were not affected. Diets containing whey protein generated heavier, thicker and longer bones than casein diets. CONCLUSION: Whey proteins did not have a significant hypocholesterolemic effect in rats. On the other hand, they significantly prevented changes in liver and kidney functions brought about by hypercholesterolemic diets. Data also suggest that whey proteins benefit bone formation when compared with casein diets.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

90

Uso de cetoanálogo na terapia da insuficiência renal canina/ Use of keto analogues in therapy of the renal failure in dogs

Veado, J.C.C.; Oliveira, J.; Menezes, J.M.C.; Guimarães, P.T.C.
2002-10-01

Resumo em inglês The efficacy of keto acids and essential amino acids on a two-year-old female dog, Labrador, suffering from Leishmaniasis and acute renal failure was evaluated by clinical and laboratorial analyses based on urea and creatinine dosages. An improving in the animal general condition and an increasing in the appetite, activity and weight gain, were observed and favorably contributed to the treatment of the primary disease. Ketoanalogueswere oraly administered during 76 days a (mais) nd the levels of urea and creatinine remained within acceptable limits, even after this period of time. Ketoanaloguescontributed positively for the treatment of acute renal failure and appears to be an important alternative for the leishmaniasis treatment.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

91

Proposição de um escore de risco cirúrgico em pacientes submetidos à cirurgia de revascularização miocárdica/ A score proposal to evaluate surgical risk in patients submitted to myocardial revascularization surgery

Cadore, Michel Pereira; Guaragna, João Carlos Vieira da Costa; Anacker, Justino Fermin Amonte; Albuquerque, Luciano Cabral; Bodanese, Luiz Carlos; Piccoli, Jacqueline da Costa Escobar; Petraco, João Batista; Goldani, Marco Antônio
2010-12-01

Resumo em português INTRODUÇÃO: Escores para avaliação de risco cirúrgico em pacientes submetidos à cirurgia de revascularização miocárdica são amplamente utilizados. OBJETIVO: Construir um escore capaz de predizer mortalidade em pacientes submetidos à cirurgia de revascularização miocárdica. MÉTODOS: No período entre janeiro de 1996 e dezembro de 2007, foram coletados dados de 2809 pacientes submetidos à cirurgia de revascularização miocárdica no Hospital São Lucas da P (mais) UC-RS. Em cerca de 2/3 da amostra (n=1875), foi construído o escore, após análises uni e multivariada. No restante (n=934), o escore foi validado. O escore final foi construído com a amostra total, utilizando as mesmas variáveis (n=2809). A acurácia do modelo foi testada utilizando-se a área sob a curva ROC. RESULTADOS: A idade média foi 61,3 ± 10,1 anos (desvio padrão) e 34% eram mulheres. Os fatores de risco identificados como preditores independentes de mortalidade cirúrgica e utilizados para montagem do escore (parênteses) foram: idade > 60 anos (2), sexo feminino (2), vasculopatia extracardíaca (2), insuficiência cardíaca classe funcional III e IV (3), fração de ejeção Resumo em inglês INTRODUCTION: Scores to predict surgical risk in patients submitted to myocardial revascularization surgery are broadly used. OBJECTIVE: To develop a score capable to predict mortality in patients submitted to myocardial revascularization surgery. METHODS: From January 1996 to December 2007, data were collected from 2809 patients submitted to myocardial revascularization surgery at PUC-RS São Lucas Hospital. In 2/3 of the sample (n=1875), the score was developed, after u (mais) ni and mutivariated analyses. In the remaining 1/3 (n =934) the score was validated. The final score was developed with the total sample, using the same variables (n=2809). The accuracy of the model was tested using the area under the ROC curve. RESULTS: The mean age was 61.3 ±10.1 years and 34% were women. The risk factors identified as independent predictors of surgical mortality and used for score development (parentheses) were: age > 60 years (2), female (2), extracardiac vasculopathy (2), heart failure functional class III and IV (3), ejection fraction

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

92

Prevalência de hipertensão do avental branco na atenção primária de saúde/ Prevalence of white coat hypertension in primary health care

Alves, Leila Maria Marchi; Nogueira, Maria Suely; Godoy, Simone de; Hayashida, Miyeko; Cárnio, Evelin Capellari
2007-07-01

Resumo em português OBJETIVO: Avaliar a prevalência de hipertensão do avental branco no município de Dumont, Estado de São Paulo, caracterizando os participantes da pesquisa em relação a fatores demográficos e a alterações tanto fisiológicas como metabólicas. MÉTODOS: Foram selecionados 109 usuários da Unidade de Saúde municipal, divididos em três grupos (normotensão, hipertensão essencial e hipertensão do avental branco), após medidas de pressão arterial com aparelho osc (mais) ilométrico e exame de monitorização ambulatorial da pressão arterial. Foram realizadas entrevista, mensuração de dados e coleta de exames laboratoriais para comparação das variáveis encontradas entre os grupos. Para o tratamento estatístico, foram utilizados os testes ANOVA e Tukey. Os resultados foram expressos como médias ± erros padrão das médias. As diferenças foram consideradas estatisticamente significativas para p Resumo em inglês OBJECTIVE: Assess the prevalence of white coat hypertension in the municipality of Dumont, in São Paulo State, and map study participants' demographics, and physiologic and metabolic changes. METHODS: One hundred and nine (109) users of the Municipal Health Service were selected and then divided into three groups: normotension, essential hypertension, and white coat hypertension after blood pressure was measured through oscilometry and blood pressure monitoring exam at o (mais) utpatient unit. Variables found between the groups were compared based on interview, data measurements, and laboratory exams. ANOVA and Tukey tests were used for statistical data. Results were expressed as means ± standard error of means. p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

93

PROTEÇÃO FUNCIONAL DO RIM COM LOVASTATINA APÓS ISQUEMIA E REPERFUSÃO RENAL/ LOVASTATIN AND RENAL FUNCTION AFTER KIDNEY ISCHEMIA-REPERFUSION

Leal, D. M.; Junior, S. T.; Suaid, H. J.; Cologna, A. J.; Martins, A. C. P.; Roselino, J. E. S.
2001-01-01

Resumo em português Introdução - a isquemia renal é causa de graves lesões nesse órgão, estando presente em diferentes situações como em cirurgias renais, vasculares e no transplante renal. Assim, a procura de substâncias protetoras da função renal tem amplo interesse clínico. Neste estudo o objetivo foi o de analisar o efeito da lovastatina na isquemia renal normotérmica seguida da reperfusão. Resumo em inglês Acute kidney ischemia is a frequent clinical problem in vascular and urologic surgery, as in cadaver donor transplantation. In the search for an improvement in renal function, in this study we assessed the effect of lovastatin on kidney ischemia-reperfusion. Adult Wistar rats were submitted to 60 minutes of unilateral kidney ischemia followed by contralateral nephrectomy, with 7 days of follow-up. The experimental group (n=14) received 15 mg/Kg/day of lovastatin and the c (mais) ontrol group (n=17) had no protection against kidney ischemia. Serum urea and cretinine, death rate and mitochondrial function were analysed into each group. Death rate was 29.4% in group A and 0.7% in group B. Serum levels of urea and creatinine raised in both group, but in group B these values were statistically lower. In 83.4% of the group A animals mitochondrial function showed no ATP production, and in group B this condition was seen in only 38.4%. These results suggest that lovastatin has a protective effect on renal function when administered before kidney ischemia. However, at this moment it is impossible to confirm that this action is due to a protective effect on mitochondrial function.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

94

Hemograma, bioquímica sérica e histologia da biópsia hepática de bovinos após administração de polpa cítrica/ Hemogram, serum biochemistry and hepatic histologic features in cattle after administration of citrus pulp

Oliveira, N.J.F.; Melo, M.M.; Lago, L.A.; Nascimento, E.F.
2005-06-01

Resumo em inglês Hemogram and serum biochemistry (aspartate aminotransferase, alkaline phosphatase and gamma glutamiltransferase, total protein, urea, creatinine, calcium and phosphorus) were performed weekly in five crossbreed bovine after consumption of a diet containing citrus pulp pellets (40%), for 43 days. Percutaneous hepatic biopsy and histologic evaluation were performed in each animal before and after consumption of the citrus pulp diet. Hemogram, the enzymes aspartate aminotran (mais) sferase and gamma glutamiltransferase, urea and creatinine had normal levels at the end of the experiment. No histologic lesions were observed in liver samples before or after citrus pulp consumption. However, there was an increase of serum phosphorus and reduction of serum calcium (p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

95

Eritrodermia: estudo clínico-laboratorial e histopatológico de 170 casos/ Erythroderma: a clinico-laboratorial and histopathological study of 170 cases

Fernandes, Nurimar C.; Pereira, Fabíola de Souza e Mello; Maceira, Juan Piñeiro; Cuzzi, Tullia; Dresch, Thaís Felix Leitão Rosa; Araújo, Paula Pereira
2008-12-01

Resumo em português FUNDAMENTOS - A dermatite esfoliativa/eritrodermia é síndrome rara e grave, de etiologia freqüentemente desconhecida. A hospitalização é necessária para avaliação inicial e tratamento. OBJETIVO - Determinar o perfil clínico, laboratorial e histopatológico dos eritrodérmicos internados no HUCFF-UFRJ. MÉTODOS - No período de 1990 a 2007, 170 casos foram submetidos a hemograma, velocidade de hemossedimentação, bioquímica do sangue, provas de função hepáti (mais) ca, proteínas totais e frações, pesquisa de células de Sézary no esfregaço de sangue periférico, radiografia de campos pleuropulmonares e biópsia de pele em três locais. RESULTADOS - Entre 92 homens e 78 mulheres, na faixa de 30 a 80 anos, identificaram-se 99 casos (58,23%) com dermatoses preexistentes; 37 (21,77%) com farmacodermias; 18 (10,58%) com linfomas cutâneos de células T e 16 (9,4%) de causa indeterminada. Calafrios, prurido, linfonodomegalias e edema de membros inferiores destacaram-se dentre sinais e sintomas. O perfil laboratorial consistiu de aumento da VHS, eosinofilia, leucocitose, linfocitose e anemia. No grupo de etiologia indeterminada, dois padrões histológicos emergiram: dermatite psoriasiforme e dermatite inespecífica. CONCLUSÃO - A psoríase foi a causa mais freqüente; três biópsias de pele simultâneas podem aumentar a acurácia do diagnóstico histopatológico. Resumo em inglês BACKGROUND - Exfoliative dermatitis (erythroderma) is a rare, severe syndrome, frequently of unknown etiology. The hospitalization is required for the initial evaluation and to establish the treatment. OBJECTIVE - to determine the clinical, laboratorial and histologic profile of erythrodermic inpatients at HUCFF-UFRJ. METHODS - in the period 1990-2007, 170 patients were submitted to complete blood cell count, erythrocyte sedimentation rate, blood urea, glucose and creatin (mais) ine, liver function tests, proteinogram, circulating Sézary cells count, chest X Rays and skin biopsy of three areas. RESULTS - from 92 male and 78 female aging 30 to 80 years, a preexisting dermatosis was identified in 99 cases (58,23%), reaction to internal drugs in 37 cases (21,77%), T cell cutaneous lymphomas in 18 cases (10,58%); in 16 cases (9,47%), a causative factor could not be disclosed. Chills, pruritus, lymphadenopathy, lower limbs edema were the most freqüent signs/symptoms. Elevated erythrocyte sedimentation rate, eosinophilia, leukocytosis, peripheral blood lymphocytosis and anemia were the most common laboratory findings. Among the idiopathic cases, two histological patterns were noticed: psoriasiform and inespecific dermatitis. CONCLUSION - the main cause of erythroderma was psoriasis; three simultaneous skin biopsies can enhance the accuracy of the histopathologic diagnosis.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

96

Determinação da 2,5-hexanodiona em amostras de urina submetidas à hidrólise ácida: importância da coluna cromatográfica e do pH do meio/ 2,5-hexanodione determination in urine samples subjected to acid hydrolysis: relevance of the chromatographic column and the pH

Barroca, Márcia Martins; Silveira, Josianne Nicácio; Alvarez-Leite, Edna Maria
2003-08-01

Resumo em inglês Acidic hydrolysis of samples is frequent in urinary 2,5-hexanodione determination. This hydrolysis should be performed under proper conditions, in order to avoid interference, such as the presence of 2,5-dimethylfurane and 2-acetylfurane. The results of the present work, as well as data from the literature, show that the use of non-polar or slightly polar chromatographic columns of 30 m length is an essential condition for 2,5-HD determination in an acid hydrolysed urine (mais) sample. In the same way the pH should be kept between 0.3 and 0.5. The mean concentrations of 2,5-HD in samples submitted to hydrolysis (0.50 ± 0.28 mg/g of creatinine) was about 3 times higher than those found in the samples without acid hydrolysis (0.19 ± 0.3 mg/g of creatinine).

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

97

Comparação entre troponina I cardíaca e CK-MB massa em síndrome coronariana aguda sem supra de ST/ Comparison between cardiac troponin I and CK-MB mass in acute coronary syndrome without st elevation

Santos, Elizabete Silva dos; Baltar, Valéria Troncoso; Pereira, Marcos Paulo; Minuzzo, Luiz; Timerman, Ari; Avezum, Álvaro
2011-01-01

Resumo em português FUNDAMENTO: Há incertezas do valor prognóstico comparativo entre troponina I cardíaca (cTnI) e CK-MB em síndrome coronariana aguda (SCA). OBJETIVO: Comparar o valor prognóstico entre a cTnI e a CK-MB massa em pacientes com SCA sem supradesnível do segmento ST. MÉTODOS: Foram analisados 1.027 pacientes, de modo prospectivo, em um centro terciário de cardiologia. Combinações dos biomarcadores foram examinadas: cTnI normal, CK-MB massa normal (65,5%); cTnI normal, (mais) CK-MB massa elevada (3,9%); cTnI elevada, CK-MB massa normal (8,8%); cTnI elevada, CK-MB massa elevada (20,7%). Análise multivariada de variáveis clínicas, eletrocardiográficas e laboratoriais determinou o valor prognóstico independente dos biomarcadores para o evento de morte ou (re)infarto em 30 dias. RESULTADOS: Pacientes com pelo menos um biomarcador elevado foram mais idosos (p = 0,02) e do sexo masculino (p Resumo em inglês BACKGROUND: There is uncertainty as to the comparative prognostic value between cardiac troponin I (cTnI) and CK-MB in acute coronary syndrome (ACS). OBJECTIVE: To compare the prognostic value between cTnI and CK-MB mass in patients with ACS without ST-segment elevation. METHODS: 1,027 patients were analyzed in a prospective way in a tertiary cardiology center. Combinations of biomarkers were examined: normal cTnI, normal CK-MB mass (65.5%), normal cTnI, elevated CK-MB ma (mais) ss (3.9%), elevated cTnI, normal CK-MB mass (8.8%), elevated cTnI, elevated CK-MB mass (20.7%). A multivariate analysis of clinical, electrocardiographic and laboratory variables determined the independent prognostic value of biomarkers for the event of death or (re)infarction within 30 days. RESULTS: Patients with at least one elevated biomarker were older (p = 0.02) and males (p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

98

Carcinoma de células de transição da uretra com metástases cardíaca e pulmonar em cão/ Transitional cell carcinoma of urethra with cardiac and pulmonary metastasis in a dog

Serakides, R.; Rachid, M.A.; Veado, J.C.; Menezes, J.M.C.
2000-10-01

Resumo em inglês A case of urethral carcinoma in 15-year-old mongrel male dog is described. Signs of dysuria, urethral obstruction, tenesmus, pain and cough were mentioned. Clinically, the animal was undernourished and showed signs of pain and bladder repletion during the palpation of the abdominal region. Other complementary exams were made such as routine urinalyses, X-ray, ultrassonography and measurement of blood urea and creatinine. Macroscopically, the mucous membrane of pelvic uret (mais) hra was somewhat irregular, due to the presence of several small white irregular and ulcerated nodules of imprecise boundaries. Similar nodules were found in the lungs and heart. Histologically, transitional cell carcinoma of urethra with metastasis to lung and heart was detected.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

99

Benefícios da atividade física no perfil lipídico de pacientes com diabetes tipo 1/ Benefits of physical activity on the lipid profile of type 1 diabetic subjects

Khawali, Cristina; Andriolo, Adagmar; Ferreira, Sandra Roberta G.
2003-02-01

Resumo em português Avaliamos a resposta do perfil lipídico a uma intervenção não-farmacológica de curta duração, e investigamos se alterações nas lipoproteínas estavam presentes, antes da nefropatia diabética (ND) clínica, em 46 pacientes jovens com diabetes tipo 1 (DM1), com idade de 15,5±1,5 anos submetidos a um programa de 8 dias de dieta apropriada e exercícios, durante controle glicêmico estável (glicemia média 110,3±27,1mg/dl e HbA1c 6,9±1,3%). No início, 65% dos j (mais) ovens apresentavam colesterol total > 160mg/dl (IC 95% 0,51-0,78), enquanto que ao final somente 38% (IC 95% 0,24-0,51) tinham tais níveis. A melhora no perfil lipídico foi ainda melhor para a fração LDL, considerando que inicialmente 67% mostravam valores acima de 100mg/dl (IC 95% 0,55-0,78) e 24% (IC 95% 0,12-0,36) ao final. Valores de HDL-colesterol subnormais ( Resumo em inglês We assessed the response of lipid profile to short-term non-pharmacological intervention and investigated if lipoprotein abnormalities were present before overt diabetic nephropathy (DN) in 46 type 1 diabetic (DM1) youngsters aged 15.5±1.5 yrs. They were submitted to a 8-day program of adequate diet and exercise, during stable glycemic control (mean glycemia 110.3±27.1mg/dl and HbA1c 6.9±1.3%) to minimize the influence of disturbed glucose homeostasis on urinary albumi (mais) n excretion and lipid profile. Mean albumin-to-creatinine ratio was 9.0±8.0mg/g creatinine. At the beginning of the program, 65% of the subjects had total cholesterol > 160mg/dl (95% CI 0.51-0.78), whereas only 38% (95% CI 0.51-0.24) maintained such levels at the end. The improvement in lipid profile was even better concerning LDL fraction, considering that initially 67% of the subjects showed values > 100mg/dl (95% CI 0.55-0.78) and 24% (95% CI 0.12-0.36) at the end. Initial HDL-cholesterol was

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

100

Análise de parâmetros bioquímicos séricos e urinários em atletas de meia maratona/ Serum chemistry test and urinalysis parameter analysis in half marathon athletes

Siqueira, Luciano de Oliveira; Muccini, Tiane; Dall Agnol, Iandra; Filla, Lauren; Tibbola, Paula; Luvison, Andiara; Costa, Leandro; Moreira, José Cláudio Fonseca
2009-10-01

Resumo em português OBJETIVO: O objetivo do presente estudo foi analisar marcadores bioquímicos como marcadores de desempenho atlético, à luz de um contexto clínico e atlético. MÉTODOS: Foram coletadas amostras de sangue periférico (8 mL) e de urina (50 mL) de 20 maratonistas profissionais em repouso e 15 minutos após meia maratona. Em seguida, realizaram-se hemograma, exame de urina e análise de marcadores bioquímicos de função renal, lesão muscular e lipidograma. RESULTADOS: A (mais) análise estatística dos resultados mostrou um aumento significativo (p Resumo em inglês OBJECTIVE: The aim of this study was to analyze biochemical markers as indicators of athletic performance, in light of a clinical context and athletic. METHODS: Samples of peripheral blood (8 mL) and urine (50 mL) were collected from 20 marathon athletes at rest and 15 minutes after half marathon. Following, examination of blood, urine and serum markers of renal function, muscle damage and lipidic profile was carried out. RESULTS: Statistical analysis of the results showe (mais) d a significant increase (p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)