Sample records for creatine
from WorldWideScience.org

Sample records 1 - 20 shown. Select sample records:



1

Creatina: o suplemento nutricional para a atividade física - Conceitos atuais

Rebello Mendes, Renata; Tirapegui, Julio
2002-06-01

Resumo em português A creatina, um composto naturalmente encontrado em alimentos de origem animal, tem sido considerada um suplemento nutricional efetivo na otimização do desempenho de atividades físicas. Podendo também ser sintetizada no fígado, rins e pâncreas, a creatina é estocada no músculo esquelético, onde pode se manter na forma livre(40%) ou fosforilada (60%). A creatina fosforilada exerce importante papel na contração muscular, pois se comporta como importante reservató (mais) rio de energia, utilizado em atividades de curta duração e alta intensidade. São encontrados estoques de aproximadamente 120 g de creatina em um homem de 70 kg, sendo que 95% se encontram no músculo esquelético. Apesar da função energética da creatina na atividade física ser conhecida há décadas, apenas recentemente tem-se dispensado atenção aos possíveis efeitos ergogênicos da suplementação oral desse composto. Essa suplementação parece aumentar os estoques musculares de creatina. Muitos, mas não todos, os estudos disponíveis sugerem que a suplementação de creatina otimizaria o desempenho de atividades de curta duração e alta intensidade, particularmente em exercícios intermitentes com limitados intervalos para repouso. A suplementação aguda de creatina parece provocar aumento de massa magra, porém, esse aumento parece ser conseqüente de um maior acúmulo de água corpórea. A ingestão crônica de suplementos de creatina, em associação com o treinamento de força, poderia aumentar a massa muscular, porém, ainda são necessários mais estudos para confirmar essa hipótese. A ingestão de doses elevadas de creatina por períodos de até 8 semanas, bem como a ingestão de baixas doses por até 5 anos tem sido considerada saudável, não apresentando efeitos colaterais indesejáveis. A decisão de se utilizar a suplementação de creatina como um método de se otimizar o desempenho esportivo deve ser tomada com ponderação, de acordo com a consciência e necessidade de cada indivíduo. Resumo em inglês Creatine: the nutritional supplement for exercise - current concepts. Creatine, a natural nutrient found in animal foods, is alleged to be an effective nutritional ergogenic aid to enhance sport or exercise performance. It may be formed in kidney and liver from arginina and glicina. Creatine may be delivered to the muscle, where it may combine readily with phosphate to form creatine phosphate, a high-energy phosphagen in the ATP-CP system, and is stored. The ATP-CP energy (mais) system is important for rapid energy production, such as in speed and power events. Approximately 120 g of creatine is found in a 70 kg male, 95% in the skeletal muscle. Total creatine exists in muscle as both free creatine (40%) and phosphocreatine (60%). It is only recently that a concerted effort has been undertaken to investigate its potential ergogenic effect relative to sport or exercise performance. It does appear that oral creatine monohydrate may increase muscle total creatine, including both free and phosphocreatine. Many, but not all studies suggest that creatine supplementation may enhance performance in high intensity, short-term exercise task that are dependent primarily on the ATP-CP energy system, particularly on laboratory test involving repeated exercise bouts with limited recovery time between repetitions. Short-term creatine supplementation appears to increase body mass, although the initial increase is most likely water associated with the osmotic effect of increased intramuscular total creatine. Chronic creatine supplementation in conjunction with physical training involving resistance exercise may increase muscle mass. However, confirmatory research data are needed. Creatine supplementation up to 8 weeks, with high doses, has not been associated with major health risks; with low doses, it was demonstrated that in 5 years period supplementation, there are no adverse effects. The decision to use creatine as a mean to enhance sport performance is left to the description to the individual athlete.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

2

Creatina: auxílio ergogênico com potencial antioxidante?/ Creatine: ergogenic aid with antioxidant potential?

Souza Junior, Tácito Pessoa de; Pereira, Benedito
2008-06-01

Resumo em português A creatina é largamente utilizada como auxilio ergogênico, com algumas evidências quanto ao seu efeito positivo na massa magra, força/potência e resistência muscular. Entretanto, esses estudos não conseguiram identificar potenciais mecanismos bioquímicos que pudessem explicar seu efeito na fadiga ou turnover de proteína muscular, existindo a possibilidade de que alguns indivíduos não sejam responsivos a esse suplemento. Outro possível efeito da creatina, que v (mais) em sendo recentemente investigado, é a sua ação antioxidante. Mesmo com poucos trabalhos disponíveis, duas possibilidades existem para explicar esse efeito: 1) Ação indireta como tampão energético, devido ao aumento na concentração tecidual de fosfocreatina, que favoreceria a menor produção de metabólitos do ciclo de degradação de purinas (ciclo de Lowenstein), resultando em queda na formação de hipoxantina, xantina e ácido úrico, assim como em espécies reativas de oxigênio (superóxido, peróxido de hidrogênio e radical hidroxil); 2) Por ação direta, apesar de essa propriedade ser inferior à dos antioxidantes já bem conhecidos, como a glutationa reduzida. Mesmo assim, poderia atuar conjuntamente com estes. O objetivo desta comunicação é relatar dados disponíveis sobre esses dois itens. Resumo em inglês Creatine is largely used as an ergogenic aid with some evidence regarding its positive effect on lean body mass, strength/power and muscle endurance. However, most studies were not capable of identifying biochemical mechanisms that could explain its effect on fatigue or muscle protein turnover. There is also the possibility that some individuals are non-responsive to this supplement. Another possible effect of creatine that has been recently investigated is its antioxidan (mais) t action, but few studies explored this subject. Nonetheless, it can be emphasized that the antioxidant effect of creatine works in the organism in the following way: 1) Indirect action as an energy buffer, due to the increase in muscle phosphocreatine concentrations which would favor a reduced production of metabolites of the purine nucleotide cycle (cycle of Lowenstein) and, as a consequence, a drop in the production of hypoxanthine, xanthine, uric acid, and reactive oxygen species; 2) Direct action (a less powerful action when compared with known antioxidants, such as reduced glutathione). Yet, it could still work in association with them. The objective of this work is to review the available data on the two abovementioned mechanisms.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

3

A creatina como suplemento ergogênico para atletas/ Creatine as an ergogenic supplement for athletes

PERALTA, José; AMANCIO, Olga Maria Silverio
2002-01-01

Resumo em português A creatina vem sendo muito pesquisada devido ao seu potencial efeito no rendimento físico de atletas envolvidos em exercícios de alta intensidade e curta duração, intermitentes e com curtos períodos de recuperação. A creatina fosforilada é uma reserva de energia nas células musculares. Durante um exercício intenso, a sua quebra libera energia é usada para regenerar o trifosfato de adenosina. Aproximadamente 95% do pool de creatina encontra-se na musculatura esq (mais) uelética e sua regeneração após o exercício é um processo dependente de oxigênio. Estudos mostram que a suplementação com este composto pode aumentar o pool orgânico em 10 a 20%, e este percentual é maior em atletas vegetarianos (até 60%). Ainda existe controvérsia com relação aos benefícios e riscos da suplementação com esta substância. Este estudo revisa alguns dos aspectos relacionados com o metabolismo da creatina e seu uso como substância ergogênica na prática desportiva. Resumo em inglês Several researches on creatine have been done due to its potential effects on the physical performance of athletes involved in high intensity, short duration and intermittent exercises with short periods of recovery. Phosphorylated creatine is an energy reserve in the muscle cells. During an intense exercise, its breakdown liberates energy used to regenerate adenosine triphosphate. Approximately 95% of the creatine pool is found in the skeletal muscle, and the regeneratin (mais) g process after exercise is oxygen dependent. Studies show that supplementation with this compound may procedure an increase of 10% to 20% in the organic pool, and this percentage is higher in vegetarian athletes (up to 60%). There is still controversy regarding the benefits and risks of supplementation with this substance. This paper reviews some aspects related to the creatine metabolism and its use as an ergogenic substance in sports practice.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

4

Suplementação de creatina anula o efeito adverso do exercício de endurance sobre o subseqüente desempenho de força/ Creatine supplementation nullifies the adverse effect of endurance exercise on the subsequent strength performance/ La suplementación de creatina anula el efecto adverso del ejercicio de endurance sobre el subsequente desempeño de fuerza

Gomes, Rodrigo Vitasovic; Aoki, Marcelo Saldanha
2005-04-01

Resumo em português OBJETIVO: o presente estudo teve como objetivo verificar se a suplementação de creatina exerce efeito ergogênico durante a execução do exercício concorrente. MÉTODOS: Dezesseis universitárias foram divididas aleatoriamente em dois grupos: placebo (P) e creatina (CRE). A suplementação foi realizada seguindo o modelo duplo-cego, 20g de placebo ou creatina durante cinco dias e posteriormente 3 g por sete dias. Antes da suplementação, os sujeitos foram submetidos (mais) ao teste de 1-RM e ao teste de repetições máximas no leg press 45º (três sets de repetições máximas, realizadas a 80% do valor de 1-RM e separadas por 150 segundos de pausa - P 1º set: 9,0 ± 2,4; 2º set: 8,9 ± 2,9 e 3º set: 8,3 ± 3,3 e CRE 1º set: 10,2 ± 2,2; 2º set: 9,8 ± 2,9 e 3º set: 9,7 ± 3,5 reps). Após o período de suplementação, os sujeitos realizaram o teste de corrida, no qual os mesmos foram instruídos a percorrer a maior distância possível em 20 minutos. Imediatamente após o teste de corrida, os testes de 1-RM e de repetições máximas foram realizados novamente. RESULTADOS: Não foi observada diferença no desempenho do teste de 1-RM. Também não houve diferença no desempenho do teste de corrida. Após o teste de corrida, foi observado um decréscimo no número de repetições máxima no grupo placebo (Reps - P: 1º set: 7,6 ± 2,6; 2º set: 4,3 ± 2,9*; p Resumo em espanhol OBJETIVO: El presente estudio tiene como objetivo verificar el efecto ergogénico que ejerce la suplementación de la creatina durante la ejecución del ejercicio competitivo. MÉTODOS: Dieciséis estudiantes universitarios fueron aleatoriamente divididos en 2 grupos: placebo (P) y creatina (el he/she CREE). La suplementación se siguió cumpliendo el modelo doble-ciego, 20g de placebo o creatina durante 5 días y después 3 gramos durante 7 días. Antes de la suplementac (mais) ión, los atletas fueron sometidos a la prueba de 1-RM y a la prueba de repeticiones del máximo en el press de pierna 45º (3 juegos de repeticiones del máximo, logró a 80% del valor de 1-RM y separado por 150 segundos de pausa - P 1º set: 9,0 ± 2,4; 2º set: 8,9 ± 2,9 y 3º set: 8,3 ± 3,3 y el CREE 1º set: 10,2 ± 2,2; 2º juego: 9,8 ± 2,9 y 3º set: 9,7 ± 3,5 representantes). Después del periodo del suplementación, los modelos lograron la prueba de la raza en la que los mismos fueron bien educados para alcanzar la distancia más grande posible en 20 minutos. Inmediatamente después de la prueba de la carrera, las pruebas de 1-RM y de repeticiones del máximo se cumplieron otra vez. RESULTADOS: No se observó diferencia en la acción de la prueba de 1-RM. Tampoco había diferencia en la acción de la prueba de la carrera. Después de la prueba de la carrera, un descenso se observó en el número de las repeticiones máximas en el grupo placebo (Representantes - P: 1º set: 7,6 ± 2,6; 2º set: 4,3 ± 2,9*; p Resumo em inglês OBJECTIVE: The objective of this study was to verify if creatine supplementation exerts an ergogenic effect during concurrent exercise. METHODS: Sixteen female university students were divided into two groups: placebo (P) and creatine supplemented (CRE). The participants received 20 g of placebo or creatine for five days and 3 g for the following seven days in a double-blind design. Before supplementation, the participants were submitted to a 1-RM test in the leg press fo (mais) llowed by maximum repetition test (three sets of repetitions-to-fatigue, performed at 80% of the 1-RM and separated from 150 seconds of recovery - P 1st set: 9.0 ± 2.4; 2nd set: 8.9 ± 2.9 and 3rd set: 8.3 ± 3.3 and CRE 1st set: 10.2 ± 2.2; 2nd set: 9.8 ± 2.9 e 3rd set: 9.7 ± 3.5 reps). After 12 days of supplementation, the participants were submitted to aerobic test in which they were instructed to cover the maximal distance as possible in 20 min. Subsequently, the participants were submitted to 1-RM test once again followed by the maximum repetition test. RESULTS: No differences were observed in the aerobic task performance and in the 1-RM test. After the aerobic test, a decline on the repetition maximum capacity was observed during the last two sets in P (Reps - P: 1st set: 7.6 ± 2.6; 2nd set: 4.3 ± 2.9*; p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

5

Suplementação de creatina e treinamento de força: alterações na resultante de força máxima dinâmica e variáveis antropométricas em universitários submetidos a oito semanas de treinamento de força (hipertrofia)/ Creatine supplementation and strength training: alterations in the resultant of dynamic maximum strength and anthropometric variables in college students submitted to 8 weeks of strength training (hypertrophy)

Souza Júnior, Tácito Pessoa de; Dubas, João Paulo; Pereira, Benedito; Oliveira, Paulo Roberto de
2007-10-01

Resumo em português OBJETIVO: Verificar as alterações promovidas pela suplementação de creatina nas variáveis antropométricas e da resultante de força máxima dinâmica (RFMD) em universitários submetidos a oito semanas de treinamento de força. METODOLOGIA: Participaram deste estudo, 18 universitários do sexo masculino, com idade entre 19 e 25 anos. Antes do treinamento foram determinadas a estatura (cm), a massa corporal (kg) e testes de ação muscular voluntária máxima dinâmi (mais) ca (1AMVMD), os sujeitos foram assinalados a um dos dois grupos, A (creatina) e B (placebo), foi adotado o protocolo duplo-cego. Após oito semanas de treinamento de força, repetiu-se a bateria de testes do pré-treinamento. RESULTADOS: Após oito semanas, verificou-se que tanto no grupo A como no B houve alterações estatisticamente significantes (ES) na RFMD em todos os exercícios (p = 0,007 a 0,008). A análise da melhora percentual e do delta da RFMD, nos exercícios de agachamento, desenvolvimento e supino fechado, mostrou que o grupo A teve alterações positivas ES superiores ao grupo B (p = 0,008 a 0,038). A massa magra aumentou ES somente no grupo A (p = 0,038). Contudo, o percentual de gordura corporal não mostrou alterações em nenhum dos grupos. A relação entre a melhora percentual (MP) das circunferências (C) do braço e antebraço e a MP na RFMD do exercício de desenvolvimento foi ES (r = 0,481 e 0,546, respectivamente), bem como entre a MP na C da coxa e na MP da RFMD do exercício de agachamento (r = 0,619). CONCLUSÃO: Independente do suplemento ingerido o treinamento de força foi capaz de induzir ajustes positivos na RFMD; contudo, a suplementação de creatina mostrou-se mais eficiente que o placebo, induzindo a maior aumento percentual e de delta na força. Resumo em inglês OBJECTIVE: To verify the alterations promoted by creatine supplementation in the anthropometric variables and the resultant of dynamic maximum strength (RDMS) in college students submitted to 8 wk of strength training. METHODOLOGY: The sample consisted of 18 male college students, aged between 19 to 25 years. Height (cm), body mass (kg) and tests of maximum voluntary muscular action (1MVMA) weight in the squat were determined prior to the training. The subjects were divid (mais) ed in two groups: A (creatine) or B (placebo).The double-blind protocol was adopted. After 8 weeks of strength training, the tests battery from the pre-training was repeated. RESULTS: After 8 wk of training, it was verified that both groups had statistically significant (SS) alterations in the RDMS in all the exercises (p = 0.007 / 0.008). The analysis of the percentile improvement (PI) and the RDMS delta in the squat exercises, military press and close-grip-extensions, showed that group A had positive SS alterations higher than group B (p = 0.008 / 0.038). Lean body mass only SS increased in group A (p = 0.038). However, the percentage of body fat did not show alterations in none of the groups. The relationship between the PI of the arm and forearm circumferences (C) and the PI in the RDMS of the development exercise was SS (r = 0.481 and 0.546, respectively), as well as between the PI in the thigh C and the PI of the RDMS of the squat exercise (r = 0.619). CONCLUSION: Regardless the substance ingested, strength training was able to increase in RDMS; however, creatine supplementation was shown to be more efficient that the placebo, showing higher percentual and delta improvement in strength.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

6

Influência da suplementação aguda e crônica de creatina sobre as concentrações sanguíneas de glicose e lactato de ratos Wistar/ Influence of the short and long term supplementation of creatine on the plasmatic concentrations of glucose and lactate in Wistar rats/ Influencia de la suplementación aguda y crónica de creatina sobre las concentraciones sanguíneas de glicosis y lactato en ratones Wistar

Souza, Renato Aparecido; Santos, Roberto Mussoline dos; Osório, Rodrigo Aléxis Lazo; Cogo, José Carlos; Prianti Júnior, Antônio Carlos Guimarães; Martins, Rodrigo Álvaro Brandão Lopes; Ribeiro, Wellington
2006-12-01

Resumo em português Estudos recentes sugerem que a suplementação de creatina pode interferir com a captação de glicose e a produção de lactato durante a atividade física. O objetivo deste estudo foi investigar os efeitos da suplementação aguda (5g.kg¹ durante uma semana) e crônica (1g.kg¹ durante oito semanas) de creatina sobre as concentrações sanguíneas de glicose e lactato de ratos sedentários e exercitados (natação a 80% da carga máxima tolerada). Setenta e dois ratos (mais) Wistar machos (240 ± 10g) foram utilizados e divididos igualmente em quatro grupos experimentais (n = 18): CON - ratos sedentários não suplementados; NAT - ratos exercitados não suplementados; CRE - ratos sedentários e suplementados; CRE + NAT - ratos exercitados e suplementados. As amostras sanguíneas foram obtidas antes e após o teste de determinação da carga máxima realizado semanalmente durante todo o experimento. Antes do teste de carga máxima, com exceção do grupo CRE-NAT (3-5 semanas), que apresentou concentrações plasmáticas de glicose inferiores em relação os demais grupos, todos os outros resultados foram semelhantes entre os grupos experimentais. Após o teste de carga máxima todos os grupos experimentais apresentaram redução das concentrações plasmáticas de glicose e aumento das concentrações plasmáticas de lactato. Contudo, em relação à glicose, esta redução foi significativamente (p Resumo em espanhol Estudios recientes sugieren que la suplementación de creatina puede interferir con la captación de glicosis y la producción de lactato durante la actividad física. El objetivo de este estudio ha sido el de investigar los efectos de la suplementación aguda (5g.kg¹ durante 1 semana) y crónica (1g.kg¹ durante 8 semanas) de creatina sobre las concentraciones sanguíneas de glicosis y lactato en ratones sedentarios y ejercitados (natación a 80% de carga máxima tolera (mais) da). Setenta y dos ratones Wistar machos (240 ± 10g) fueron utilizados y divididos igualmente en 4 grupos experimentales (n = 18): CON - ratones sedentarios no suplementados; NAT - ratones ejercitados no suplementados; CRE - ratones sedentarios y suplementados; CRE + NAT - ratones ejercitados e suplementados. Las muestras sanguíneas se obtuvieron antes y después del test de determinación de carga máxima realizado semanalmente durante todo el experimento. Antes del test de carga máxima, con excepción del grupo CRE-NAT (3-5 semanas) que presentó concentraciones plasmáticas de glicosis inferiores en relación a los demás grupos, los demás resultados fueron semejantes entre los grupos experimentales. Después del test de carga máxima todos los grupos experimentales presentaron reducción en las concentraciones plasmáticas de glicosis y aumento en las concentraciones plasmáticas de lactato. A pesar de esto, con respecto a la glicosis, esta reducción fue significativamente (p Resumo em inglês Recent studies suggest that the creatine supplementation can interfere with glucose uptake and lactate production during the physical activity. The aim of this study was to investigate the effects of the short-term (5 g.kg¹ for 1 week) and long-term (1 g.kg¹ for 8 weeks) creatine supplementation on the plasmatic concentrations of glucose and lactate of sedentary and exercised (swimming to 80% of the tolerated maximum load) rats. Seventy two male Wistar rats (240 ± 10 g (mais) ) were used and divided equally in 4 experimental groups (n = 18): CON - sedentary rats without supplementation; NAT - exercised rats without supplementation; CRE - sedentary rats with supplementation; CRE + NAT - exercised rats with supplementation. The blood samples were obtained weekly before and after the maximum load test. Before the maximum load test, except for the group CRE-NAT (3-5 weeks), that presented lower level of plasma glucose concentration in relationship the other groups, all the other results were similar among the experimental groups. After the maximum load test, all of the experimental groups presented reduction of the plasma glucose concentration and increase of the plasma lactate concentration. However, in relation to the glucose, this reduction was significantly (p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

7

Efeitos da suplementação de creatina na força máxima e na amplitude do eletromiograma de mulheres fisicamente ativas/ Effect of creatine supplementation in maximal strength and electromyogram amplitude of physically active women

Medeiros, Rômulo José Dantas; Santos, Alexsandra Araújo dos; Ferreira, Alan de Carvalho Dias; Ferreira, José Jamacy de Almeida; Carvalho, Luis Carlos; Sousa, Maria do Socorro Cirilo de
2010-10-01

Resumo em português A suplementação de creatina apresenta ação ergogênica na força muscular. Entretanto, não há consenso deste efeito na força isométrica máxima e na amplitude do eletromiograma (EMG). Assim, o objetivo deste estudo foi analisar os efeitos da suplementação de creatina na força isométrica máxima e na amplitude do EMG em mulheres fisicamente ativas. Vinte e sete mulheres (idade 23,04 ± 1,82 anos, massa corporal 58,37 ± 6,10kg, estatura 1,63 ± 0,05m e índice (mais) de massa corporal 21,93 ± 2,02kg/m²) foram designadas aleatoriamente para os grupos creatina (GCr) (n = 13) e placebo (GPL) (n = 14), os quais ingeriram diariamente, durante seis dias, 20g de creatina mono-hidratada e 20g de maltodextrina, respectivamente. Antes e depois da suplementação, a força foi medida em um dinamômetro isométrico durante contração isométrica voluntária máxima (CIVM) de extensão unilateral do joelho (três séries de 6s intervaladas por 180s), com captação simultânea dos valores root mean square (RMS) do EMG obtido no músculo vasto lateral. A ANOVA de dois critérios de classificação (dois momentos x dois grupos) e o teste de Wilcoxon foram utilizados na análise estatística dos dados paramétricos e não paramétricos (p Resumo em inglês Creatine supplementation has shown to enhance muscular strength. However, there is not a consensus on this effect on maximal isometric strength neither on electromyogram (EMG) amplitude. Thus, the aim of this study was to analyze the creatine supplementation effects on maximal isometric strength and EMG amplitude in physically active women. 27 women (age 23.04 ± 1.82 years, body mass 58.37 ± 6.10kg, height 1.63±0.05m and body mass index 21.93 ± 2.02kg/m²) were random (mais) ly assigned in creatine (CrG) (n = 13) or placebo group (PLG) (n = 14). The CrG and PLG ingested 20g/day of creatine and 20g/day of maltodextrin during six days, respectively. The strength was measured before and after supplementation using a isometric dynamometer during a maximal isometric voluntary contraction (MIVC) of a unilateral knee extension (3 sets of 6s with 180s rest period), and the EMG was acquired from the vastus lateralis muscle and its amplitude quantified using the root mean square (RMS) values. Two-way ANOVA (2 groups x 2 moments) was used for parametric data and Wilcoxon test for non-parametric analysis (p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

8

Efeitos da suplementação de creatina e do treinamento de potência sobre a performance e a massa corporal magra de ratos/ Effects of creatine supplementation and power training on performance and lean body mass of rats

Franco, Frederico S.C.; Natali, Antônio J.; Costa, Neuza M.B.; Lunz, Wellington; Gomes, Gilton J.; Carneiro Junior, Miguel A.; Oliveira, Tânia T.
2007-10-01

Resumo em português INTRODUÇÃO: A creatina é um dos suplementos mais usados por atletas para incrementar a síntese protéica e aumentar a massa e força muscular. OBJETIVO: Investigou-se os efeitos da suplementação de creatina associada a um programa de treinamento de potência (saltos verticais) sobre a performance e a composição da massa corporal magra de ratos Wistar. MÉTODOS: Ratos Wistar adultos foram distribuídos em quatro grupos: SSC (sedentário sem creatina); SC (sedentár (mais) io com creatina); ESC (exercício sem creatina) e EC (exercício com creatina). Os animais receberam água e ração ad libitum. Os grupos SC e EC ingeriam dose de creatina diariamente, adotando o procedimento de carga (0,430g/kg p.c. por 7 dias) e manutenção (0,070g/kg p.c. por 6 semanas). Os grupos EC e ESC foram submetidos a um regime progressivo de saltos verticais (5x10 saltos com 1 min de intervalo) em tanque com água, 5 dias/semana, durante 7 semanas. A performance foi avaliada pelo tempo de execução das 5 séries de 10 saltos verticais e a composição da massa corporal magra (músculos e ossos) foi avaliada pelas porções: água, proteína e gordura. RESULTADOS: A performance não foi afetada pela ingestão de creatina (p > 0,05). Os animais suplementados tiveram o percentual de proteína elevado e o de gordura reduzido (p 0,05). CONCLUSÃO: A suplementação de creatina não afetou a performance dos animais, mas alterou a massa corporal magra. A suplementação de creatina e o programa de treinamento de potência, de forma independente, elevaram o percentual de proteína dos músculos e ossos e reduziram o percentual de gordura, sem alterar o percentual de água. Resumo em inglês INTRODUCTION: Creatine is one of the supplements most used by athletes in order to increase protein synthesis and consequently muscle mass and strength. OBJECTIVE: This study investigated the effects of creatine intake on the performance and lean body mass of Wistar rats. METHODS: Male Wistar rats were allocated into one of the four groups: sedentary without creatine (S); Sedentary with creatine (SC); exercise without creatine (E); and exercise with creatine (EC) and rece (mais) ived water and chow ad libitum. Those animals in SC and EC groups ingested creatine daily (0.430 g/kg body weight for 7 days and 0.070 g/kg body weight for the following 6 weeks). Animals from E and EC groups underwent a progressive vertical jump regimen (5 x 10 jumps with 1 min. resting interval) in a tank filled with water at 30 ± 1ºC, 5 days/wk for 7 weeks. Performance was assessed by taking the time to perform 5 x 10 vertical jumps. The contents of water, fat and protein of the rat's muscles and bones were measured. RESULTS: The performance was not affected by creatine intake (P > 0.05). Animals supplemented with creatine had an increased percentage of protein and a reduced percentage of fat (P 0.05). CONCLUSION: Creatine supplementation did not affect performance of the animals. Nevertheless, it altered the lean body mass. Creatine supplementation as well as the power training program, independently, raised the protein percentage of the muscles and bones and reduced the fat percentage, with no alteration in the water percentage.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

9

A suplementação de creatina prejudica a função renal?/ Does creatine supplementation harm renal function?

Gualano, Bruno; Ugrinowitsch, Carlos; Seguro, Antonio Carlos; Lancha Junior, Antonio Herbert
2008-02-01

Resumo em português Enquanto o consumo de creatina por atletas e praticantes de atividade física tem crescido vertiginosamente, os efeitos adversos desse suplemento continuam sendo alvos de calorosos debates científicos, sobretudo no que se refere à função renal. O objetivo dessa revisão é descrever as falhas metodológicas e lacunas na literatura, que contribuem para a divergência do tema. Relatos de caso sugerem que a creatina é um potencial agente nefrotóxico. Em contrapartida, (mais) estudos longitudinais, embora possuam diversas limitações, indicam o oposto. Pesquisas com humanos não demonstram efeitos deletérios da suplementação de creatina à função renal, porém a falta de controle experimental e o caráter retrospectivo da maioria delas comprometem as conclusões dos autores. Já os estudos experimentais com ratos empregam bons marcadores de função renal e possuem controle de variáveis satisfatório. Contudo, os resultados destes são contraditórios. Estudos futuros devem investigar os efeitos da suplementação de creatina em diversas patologias renais, assim como em idosos, diabéticos do tipo 2 e hipertensos, cuja propensão a nefropatia é bem descrita. Não há evidências de que a suplementação de creatina prejudique a função renal em sujeitos saudáveis, quando consumida na dosagem preconizada. Diante disso, questiona-se a legitimidade científica da proibição do comércio de creatina no Brasil. Resumo em inglês While creatine consumption has been greatly increasing among athletes and physical activity practitioners, the adverse effects of this supplement remain scientifically controversial, especially concerning renal function. The aim of this review is to describe the methodological limitations and gaps in the literature which contribute to the topic’s divergence. Case reports suggest that creatine is a nephrotoxic agent. On the other hand, despite having several limitations, (mais) longitudinal studies have indicated the opposite. Research with humans does not demonstrate any deleterious effects as a consequence of creatine supplementation; however, the absence of experimental control as well as their retrospective characteristics compromise the authors’ conclusion. Experimental studies with animal models though, use both gold standard for renal function and have satisfactory variable control. However, the results remain controversial. Future studies should investigate the effects of creatine supplementation in several kidneys diseases as well as in the elderly, type 2 diabetis and hypertensive individuals, whose tendency to renal dysfunction is well-described. There is not evidence that creatine supplementation causes renal deterioration in healthy subjects when it is ingested in the recommended dosage. Thus, we have some concerns about the sale prohibition of creatine supplementation in Brazil.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

10

Efeitos da suplementação de creatina na captação de glicose em ratos submetidos ao exercício físico/ Effects of creatine supplementation on glucose uptake in rats submitted to exercise training

Freire, Thiago Onofre; Gualano, Bruno; Leme, Marco Dias; Polacow, Viviane Ozores; Lancha Jr, Antonio Herbert
2008-10-01

Resumo em português Estudos recentes têm sugerido que a suplementação de creatina é capaz de modular a homeostase da glicose, aumentando sua captação pelos tecidos periféricos. O objetivo deste trabalho foi investigar o efeito da suplementação de creatina na tolerância à glicose e no conteúdo de glicogênio muscular e hepático em ratos submetidos ou não à atividade física por quatro e oito semanas. Ratos Wistar foram divididos em dois grupos: quatro e oito semanas de interven (mais) ção. Posteriormente, cada grupo foi subdividido em quatro subgrupos, de acordo com a ingestão do suplemento e o treinamento: controle cedentário, controle treinado, suplementado sedentário e suplementado treinado. Os animais tiveram livre acesso à água e ração; o grupo suplementado teve 2% de sua ração sob a forma de creatina monoidratada. Os grupos exercitados nadaram 40 minutos por dia, quatro dias por semana, com carga entre 2 e 5% do seu peso amarrado ao peito. Após quatro e oito semanas, o teste oral de tolerância à glicose e as dosagens de glicogênio muscular e hepático foram realizadas. Não foram observadas diferenças significativas entre os grupos no teste de tolerância oral à glicose e no conteúdo de glicogênio muscular e hepático. Este estudo mostrou que a suplementação de creatina não exerceu influência na tolerância à glicose nem nas concentrações de glicogênio em ratos submetidos ou não à atividade física por quatro ou oito semanas. Resumo em inglês Recently, studies have suggested that creatine supplementation can modulate glucose homeostasis by increasing glucose uptake in peripheral tissues. The aim of this study was to investigate the effects of creatine supplementation on glucose tolerance, muscle and hepatic glycogen content in rats submitted or not to physical activity for four and eight weeks. Wistar rats were divided in two groups: four and eight weeks of intervention. Afterwards, each group was subdivided i (mais) n four subgroups, according to supplement intake and exercise: Sedentary Control; Trained Control; Supplemented Sedentary; and Supplemented Trained. The animals had free access to water and chow and the supplemented groups had two % of their diet as creatine monohydrated. The exercise groups swam for 40 minutes a day, four days a week, with two to five % of their body weight attached to their chests. After four and eight weeks, oral glucose tolerance tests were performed and both hepatic and muscle glycogen were determined. No significant differences were observed between groups on glucose tolerance and glycogen content in muscle and hepatic tissue. This study shows that creatine supplementation does not influence neither glucose tolerance nor glycogen concentrations in rats submitted or not to physical activity for four and eight weeks.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

11

Determinação das atividades séricas de creatina quinase, lactato desidrogenase e aspartato aminotransferase em eqüinos de diferentes categorias de atividade/ Determination of serum activities of creatine kinase, lactate dehydrogenase, and aspartate aminotransferase in horses of different activities classes

Câmara e Silva, I.A.; Dias, R.V.C.; Soto-Blanco, B.
2007-02-01

Resumo em inglês The creatine kinase (CK), lactate dehydrogenase (LDH), and aspartate aminotransferase (AST) seric activities in horses of different activity classes (athlete, traction, and reproduction), were compared. Fifty-eight horses were alloted into three groups - group 1 with 20 athletes, "vaquejada" competitors; group 2 with 20 breeding horses; and group 3 with 18 draft horses, averaging 10 working hours daily. The average values for CK serum activity were 80.2, 83.9, and 94.4 U/ (mais) l in groups 1, 2, and 3, respectively. Result of group 3 was significantly different from the other groups. The averages values for LDH were 102.5, 98.6, and 112.8 U/l in groups 1, 2, and 3, respectively, with no statistical difference between groups. The AST averages were 56.8, 33.0, and 50.1 U/l in groups 1, 2, and 3, respectively, with group 2 significantly differing from the others. Clinical biochemistry values of muscular function in horses varied according to activity category.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

12

Efeitos da suplementação de creatina sobre força e hipertrofia muscular: atualizações/ Effects of creatine supplementation on strength and muscle hypertrophy: current concepts

Gualano, Bruno; Acquesta, Fernanda Michelone; Ugrinowitsch, Carlos; Tricoli, Valmor; Serrão, Júlio Cerca; Lancha Junior, Antonio Herbert
2010-06-01

Resumo em português A suplementação de creatina vem sendo utilizada amplamente na tentativa de aumentar força e massa magra em sujeitos saudáveis e atletas. Além disso, diversos estudos têm sido conduzidos no intuito de desvendar os mecanismos responsáveis pelas eventuais adaptações a esse suplemento. Diante disso, essa revisão teve como objetivos: 1) discutir os principais estudos que investigaram os efeitos da suplementação de creatina na força e hipertrofia; e 2) reunir as ev (mais) idências acerca dos possíveis mecanismos responsáveis pelo aumento de força e massa magra como consequência desse suplemento, enfatizando os mais recentes achados e as perspectivas sobre o tema. De fato, existem fortes evidências demonstrando que a suplementação de creatina é capaz de promover aumentos de força e hipertrofia. Os efeitos desse suplemento sobre a retenção hídrica, o balanço proteico, a expressão de genes/proteínas associados à hipertrofia e ativação de células satélites, podem explicar as adaptações musculoesqueléticas observadas. Diante desses achados, os potenciais efeitos terapêuticos desse suplemento emergem como um futuro e promissor campo de estudo. Resumo em inglês Creatine supplementation has been widely used to increase both muscle strength and lean mass in healthy individuals and athletes. Furthermore, several studies have investigated the mechanisms responsible for such adaptations. Thus, this review aimed at 1) examining the major studies investigating the effects of creatine supplementation on strength and hypertrophy, and 2) exploring the mechanisms underlying these responses, stressing the most recent findings and perspectiv (mais) es regarding creatine supplementation. There is strong evidence demonstrating that creatine supplementation is able to enhance strength and hypertrophy. The effects of creatine on water retention, protein balance, genes/proteins related to hypertrophy, and satellite cells activation may explain the creatine-mediated muscle skeletal adaptations. In light of these findings, the potential therapeutic effects of creatine supplementation might be considered as a promising clinical and research field.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

13

Efeito de oito semanas de suplementação com creatina monoidratada sobre o trabalho total relativo em esforços intermitentes máximos no cicloergômetro de homens treinados/ Effect of eight weeks of creatine supplementation on relative total work in intermittent maximal efforts in the cycle ergometer of trained men

Altimari, Leandro Ricardo; Okano, Alexandre Hideki; Trindade, Michele Caroline de Costa; Cyrino, Edilson Serpeloni; Tirapegui, Julio
2006-06-01

Resumo em português Este estudo investigou o efeito de um longo período de suplementação com creatina monoidratada (Cr m) sobre o trabalho total relativo (TTR) em esforços intermitentes máximos no cicloergômetro de homens treinados. Vinte seis indivíduos foram divididos aleatoriamente em grupo creatina (CR, n=13) e grupo placebo (PL, n=13). Os sujeitos receberam em sistema duplo-cego, doses de Cr m ou placebo-maltodextrina (20 g.d-1 por 5 dias e 3 g.d-1 durante 51 dias subseqüentes). (mais) Os grupos tiveram seus hábitos alimentares e sua condição física previamente controlados. Para determinação do TTR os sujeitos foram submetidos a protocolo de exercício em cicloergômetro composto de três Testes de Wingate de 30s separados por dois minutos recuperação, antes e após o período de suplementação. ANOVA, seguido pelo teste post hoc de Tukey, quando p Resumo em inglês This study investigated the effect of long-term supplementation with creatine monohydrate (Cr m) on relative total work (RTW) in intermittent maximal efforts in the cycle ergometer of trained men. Twenty six individuals were randomly divided in creatine group (CR, n=13) and placebo group (PL, n=13). The subjects received in a double-blind manner, doses of Cr m or placebo-maltodextrin (20 g.d-1 for 5 days and 3 g.d-1 for 51 subsequent days). The groups had their alimentary (mais) habits and physical fitness controlled previously. For determination of the RTW the subjects were submitted to exercise protocol in cycle ergometer comprised three 30s Anaerobic Wingate Test interspersed with two minutes recovery, before and after the supplementation period. ANOVA, followed by the Tukey post hoc test, when p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

14

Resistência à insulina com a suplementação de creatina em animais de experimentação/ Insulin resistance with creatine supplementation in laboratory animals/ Resistencia a la insulina con la suplementación de creatina en animales de experimentación

Costallat, Beatriz L.; Miglioli, Lísia; Silva, Phelipe A.C.; Novo, Neil F.; Duarte, João L.G.
2007-02-01

Resumo em português INTRODUÇÃO E OBJETIVO: A suplementação de creatina tem sido usada para melhorar o desempenho muscular. Esta afeta o metabolismo da glicose e estimula a secreção de insulina in vitro e in vivo. No entanto, a hipersecreção de insulina em longo prazo pode induzir também resistência à insulina. O presente trabalho analisou os efeitos da suplementação oral de creatina para avaliar a possibilidade da ocorrência de resistência à insulina in vivo. MÉTODOS: Quaren (mais) ta e oito ratos Wistar (24 fêmeas/24 machos) foram divididos em dois grupos de 24 (controle e estudo) e subdivididos em seis grupos de oito. Por quatro semanas, foram alimentados com ração padrão, tendo livre acesso a água. Além disso, o grupo de estudo recebeu dieta suplementar de creatina (0,4g de creatina para 30mL de água por rato/dia). Nos 7º, 14º, 21º e 28º dias do experimento, 12 ratos foram anestesiados (tiopental sódico 0,15mL/100g), após jejum de seis horas, sendo submetidos ao teste intravenoso de tolerância à insulina (0,5mL de uma solução de 30% de insulina humana regular e 70% de salina). As amostras de sangue foram coletadas das veias dos rabos dos ratos, nos tempos basal, três, seis, nove, 12 e 15 minutos após a administração da insulina. A mensuração da glicose foi feita pelo método da glicose-oxidase. O trabalho foi previamente aprovado pelo Comitê de Ética em Pesquisa do CCMB- PUCSP. RESULTADOS: A média da constante de decaimento da glicose (K ITT) foi calculada pela fórmula 0,693/T1/2. O grupo de estudo, quando comparado com o grupo controle, apresentou resistência insulínica no 21º dia (p Resumo em espanhol INTRODUCCIÓN Y OBJETIVO: La suplementación con creatina viene siendo usada para mejorar el desempeño muscular. Esta afecta el metabolismo de la glucose y estimula la secreción de insulina in vitro e in vivo. Entretanto, la hipersecreción de insulina a largo plazo puede inducir tambien resistencia a la insulina. El presente trabajo analizó los efectos de la suplementación oral de creatina para evaluar la posibilidad de la ocurrencia de resistencia a la insulina in v (mais) ivo. MÉTODOS: Cuarenta y ocho ratones Wistar (24 hembras/24 machos) fueron divididos en dos grupos de 24 (control y estudio) y subdivididos en seis grupos de ocho. Por cuatro semanas, fueron alimentados con ración padrón, teniendo libre acceso al agua. Además de eso, el grupo estudio recibió dieta suplementaria de creatina (0,4 g de creatina para 30 mL de água por ratón/día). En los días 7, 14, 21 e 28 del experimento, 12 ratones fueron anestesiados (tiopental sódico 0,15 mL/100 g), despues de seis horas de ayuno, y sometidos a un test intravenoso de tolerancia a la insulina (0,5 ml de una solución de 30% de insulina humana regular y 70% de salina). Las muestras de sangre fueron colectadas de las venas de los rabos de los ratones, en los tiempos basal, tres, seis, nueve, 12 y 15 minutos trás la administración de insulina. La medida de la glucosa fué hecha por el método de la glucosa oxidasa. El trabajo fué previamente aprobado por lo Comité de Ética en Investigación del CCMB-PUCSP. RESULTADOS: La media constante de descenso de la glucosa (K ITT) fué calculada por la fórmula 0,693/T1/2. El grupo de estudio cuando fué comparado con el grupo control presentó resistencia insulínica en el día 21 (p Resumo em inglês INTRODUCTION AND OBJECTIVE: Creatine supplementation has been used in order to improve muscular performance. This substance affects glucose metabolism and stimulates the in vitro as well as the in vivo insulin secretion. Nevertheless, long-term insulin hypersecretion may also induce insulin resistance. The present work analyzed the effects of creatine oral supplementation in order to evaluate the possibility of occurrence of resistance to in vivo insulin. METHODS: Forty-e (mais) ight Wistar rats (24 female/24 male) were divided in two groups of 24 (control and study) and subdivided in six groups of eight. They were fed with standard food during four weeks, having water ad libitum. Moreover, the study group received dietetic supplement of creatine (0.4 g creatine for 30 ml of water per rat/day). In the 7th, 14th, 21st and 28th day of the experiment, 12 rats were anesthetized (sodium thiopental 0.15 mL/100 g) after six hour-fasting, being submitted to intravenous insulin tolerance test (0.5 mL of 30% regular human insulin and 70% saline solution). The blood samples were collected from the tail veins of the rats, in the basal, three, six, nine, 12 and 15 minutes after insulin administration times. The glucose measurement was performed through the glucose oxidase method. The study was previously approved by the Research Ethics Committee of CCMB- PUC-SP. RESULTS: The mean of the glucose decrease constant (K ITT) was calculated through the formula 0.693/T1/2. The study group, when compared with the control group, presented insulin resistance at day 21 (p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

15

Modificações Agudas dos Níveis Séricos de Creatina Quinase em Adultos Jovens Submetidos ao Trabalho de Flexionamento Estático e de Força Máxima./ Acute Changes in Creatine Kinase Serum Levels in Adults Submitted a Static Stretching and Maximal Strength Test

César, Eurico Peixoto; Bara Filho, Maurício Gatáz; Lima, Jorge Roberto Perrout; Aidar, Felipe J.; Dantas, Estélio Henrique M.
2008-09-01

Resumo em português A força e a flexibilidade são componentes presentes em um programa de treinamento, e seus valores máximos são obtidos através de testes específicos. No entanto pouco se sabe sobre seus efeitos deletérios no aparelho músculo tendíneo. Objetivo: verificar as modificações séricas de CK 24 h após uma rotina de alongamentos, flexionamento estático e teste de 1-RM. Métodos: participaram do estudo 14 indivíduos de ambos os sexos (28 ± 6 anos), divididos em grupo (mais) controle (GC N = 7) e grupo experimental (GE N = 7), sendo o último submetido a uma rotina de alongamentos (GE-AL), de flexionamento estático (GE-FLEX) e ao teste de 1-RM (GE-1-RM). A antropometria foi aferida através de uma balança digital com estadiômetro. As coletas de sangue foram obtidas utilizando-se seringas descartáveis e depositadas em recipientes de vidro vedados e enviadas ao laboratório para deteminar os níveis de CK. Utilizou-se a técnica de De Lorme e Watkins nos exercícios Supino Horizontal e Leg Press para determinar a carga de 1-RM. Realizou-se 3 séries de 20 s de insistência flexionamento e 3 séries de 6 segundos de insistência para o alongamento. E estatística empregada foi a Prova de Friedman com post hoc de Tukey. Resultados: Os valores de CK basal e pós 24 h no GC e GE (AL; FLEX e 1-RM) foram respectivamente: 195,0 ± 129,5 vs. 202,1 ± 124,2; 213,3 ± 133,2 vs. 174,7 ± 115,8; 213,3 ± 133,2 vs. 226,6 ± 126,7 e 213,3 ± 133,2 vs. 275,9 ± 157,2. Só foi observada diferença significativa (a = 0,02) nos valores do GE-1RM. Conclusão: Conclui-se que apenas os exercícios dinâmicos de força máxima foram capazes de aumentar os níveis de CK pós exercício. Resumo em inglês Strength and flexibility are common components of a training program and their maximal values are obtained through specific tests. However, little information about the damage effect of these training procedures in a skeletal muscle is known. Objective: To verify a serum CK changes 24 h after a sub maximal stretching routine and after the static flexibility and maximal strength tests. Methods: the sample was composed by 14 subjects (man and women, 28 ± 6 yr.) physical ed (mais) ucation students. The volunteers were divided in a control group (CG) and experimental group (EG) that was submitted in a stretching routine (EG-ST), in a maximal flexibility static test (EG-FLEX) and in 1-RM test (EG-1-RM), with one week interval among tests. The anthropometrics characteristics were obtained by digital scale with stadiometer (Filizola, São Paulo, Brasil, 2002). The blood samples were obtained using the IFCC method with reference values 26-155 U/L. The De Lorme and Watkins technique was used to access maximal maximal strength through bench press and leg press. The maximal flexibility test consisted in three 20 seconds sets until the point of maximal discomfort. The stretching was done in normal movement amplitude during 6 secons. Results: The basal and post 24 h CK values in CG and EG (ST; Flex and 1 RM) were respectively 195,0 ± 129,5 vs. 202,1 ± 124,2; 213,3 ± 133,2 vs. 174,7 ± 115,8; 213,3 ± 133,2 vs. 226,6 ± 126,7 e 213,3 ± 133,2 vs. 275,9 ± 157,2. It was only observed a significant difference (a = 0,02) in the pre and post values inGE-1RM. Conclusion: only maximal strength dynamic exercise was capable to cause skeletal muscle damage.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

16

Efeitos da suplementação prolongada de creatina mono-hidratada sobre o desempenho anaeróbio de adultos jovens treinados/ Effects of long-term creatine monohydrate supplementation on anaerobic performance of trained young adults

Altimari, Leandro Ricardo; Tirapegui, Julio; Okano, Alexandre Hideki; Franchini, Emerson; Takito, Monica Yuri; Avelar, Ademar; Altimari, Juliana Melo; Cyrino, Edilson Serpeloni
2010-06-01

Resumo em português O objetivo do presente estudo foi investigar o impacto de oito semanas de suplementação de creatina mono-hidratada (Crm) sobre o desempenho anaeróbio de adultos jovens treinados. Vinte e seis estudantes de educação física, do sexo masculino, saudáveis, foram divididos aleatoriamente em grupo creatina (GCr, n = 13; 22,5 ± 2,7 anos; 74,9 ± 6,8kg, 178,5 ± 4,8cm) e grupo placebo (GPl, n = 13; 22,9 ± 3,2 anos, 71,9 ± 11,3kg, 178,6 ± 4,0cm). Os indivíduos ingerira (mais) m em sistema duplo-cego doses de Crm ou placebo-maltodextrina (20 g.d-1 por 5 dias e 3 g.d-1 por 51 dias subsequentes). Ambos os grupos tiveram seus hábitos alimentares e os níveis de aptidão física controlados anteriormente. O teste anaeróbio de Wingate (TW) foi usado para avaliar o desempenho anaeróbio antes e após o período de ingestão de Crm ou placebo. Os índices de desempenho analisados foram: potência pico relativa (PPR), potência média relativa (PMR), trabalho total relativo (TTR) e índice de fadiga (IF). Para tratamento estatístico foi utilizado ANOVA, seguido pelo teste de post hoc Tukey, quando P Resumo em inglês The objective of the present study was to investigate the impact of eight weeks of creatine monohydrate (Crm) supplementation on the anaerobic performance of young trained adults. Twenty-six healthy male physical education students were randomly divided in creatine group (CrG, n = 13; 22.5 ± 2.7 years; 74.9 ± 6.8 kg; 178.5 ± 4.8 cm) and placebo group (PlG, n = 13; 22.9 ± 3.2 years; 71.9 ± 11.3 kg; 178.6 ± 4.0 cm). The subjects received in a double-blind system a Crm (mais) or placebo-maltodextrin dose (20 g.d-1 for 5 days and 3 g.d-1 for 51 subsequent days). Both groups had their eating habits and levels of physical fitness previously controlled. The Wingate anaerobic test (WT) was used to evaluate the anaerobic performance before and after the ingestion period of Crm or placebo. The performance indexes assessed were: relative peak power (RPP), relative mean power (RMP), relative total work (RTW) and index of fatigue (IF). ANOVA followed by Tukey post hoc test were used when P0.05). The results of the present study suggest that Crm supplementation does not seem to be an efficient ergogenic resource in high-intensity and short-duration efforts involving a single set.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

17

Efeitos da suplementação oral com creatina sobre o metabolismo e a morfologia hepática em ratos/ Effects of creatine oral supplementation on the hepatic metabolism and morphology of rats

Vieira, Rodolfo de Paula; França, Rafaela Ferreira; Carvalho, Celso Ricardo Fernandes de; Dolhnikoff, Marisa; Ribeiro, Wellington; Martins, Rodrigo Álvaro Brandão Lopes
2008-02-01

Resumo em português A creatina é uma amina nitrogenada e tem sido utilizada principalmente por atletas e praticantes de atividade física que desejam aumentar a massa muscular e o desempenho físico. Entretanto seu uso não está somente relacionado à prática esportiva, pois inúmeros trabalhos apresentam efeitos benéficos na prática médica. Alguns estudos demonstraram que a suplementação oral com creatina resulta em aumento da sua biodisponibilidade plasmática e também de seus est (mais) oques em inúmeros órgãos. Entretanto, estudos sobre possíveis efeitos tóxicos da suplementação com creatina são escassos. Portanto, o objetivo deste trabalho foi avaliar os possíveis efeitos tóxicos da suplementação oral com creatina sobre a função e morfologia hepáticas em ratos após 14 dias de suplementação oral com creatina na dose de 0.5 g/kg/dia. A função hepática foi avaliada através de testes bioquímicos e a estrutura hepática foi avaliada através da massa hepática relativa e da análise histológica. Os resultados demonstraram que 14 dias de suplementação com creatina não alteraram a função hepática quando comparado os grupos controle e suplementado: AST (39.5 x 44.4 U/L), ALT (18.6 x 30.8 U/L), ALP (38.5 x 31.4 U/L), GGT (134.8 x 143.8 U/L), proteínas totais (5.1 x 5.5 g/dl), triglicérides (141.0 x 141.0 mg/dl), colesterol total (130.1 x 126.2 mg/dl), colesterol LDL (36.1 x 36.1 mg/dl), colesterol HDL (65.6 x 62.4 mg/dl), colesterol VLDL (25.0 x 28.0 mg/dl), e também estrutura hepática, exceto nos níveis plasmáticos de albumina (3.0 x 3.5 mg/dl - p Resumo em inglês Creatine is a nitrogenated amine and it has been used mainly by athletes and physical activity practitioners who wish to increase muscle mass and performance. However its use is not just related to sports practice, once several studies have shown beneficial effects on medical practice. Some studies have demonstrated that oral creatine supplementation increases its plasmatic bioavailability and also its concentration in several organs. However, studies about the possible t (mais) oxic effects followed by creatine supplementation are scarce. Therefore, the aim of this work was to evaluate the hepatic structure and function in rats after 14 days of oral creatine supplementation at dose of 0.5g/kg/day. The hepatic function was evaluated through biochemical assays and the hepatic structure was analyzed through the relative hepatic mass and histological analysis. The results showed that 14 days of creatine supplementation did not alter the hepatic function and structure when compared with the control and supplemented groups, AST (39.5 x 44.4 U/L), ALT (18.6 x 30.8 U/L), ALP (38.5 x 31.4 U/L), GGT (134.8 x 143.8 U/L), total proteins (5.1 x 5.5 g/dl), triglycerides (141.0 x 141.0 mg/dl), total cholesterol (130.1 x 126.2 mg/dl), LDL cholesterol (36.1 x 36.1 mg/dl), HDL cholesterol (65.6 x 62.4 mg/dl), VLDL cholesterol (25.0 x 28.0 mg/dl), and also the hepatic structure, except for the albumin plasmatic levels (3.0 x 3.5 mg/dl - p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

18

Efeito do exercício nas concentrações séricas de creatina cinase em triatletas de ultradistância/ Exercise effects on serum levels of creatine kinase in ultra-distance triathletes in the course of a competition period

Machado, Carolina Neis; Gevaerd, Monique da Silva; Goldfeder, Ricardo Teixeira; Carvalho, Tales de
2010-10-01

Resumo em português O triatlo é um esporte de destaque e ampla participação mundial. Incorpora três diferentes modalidades de endurance - natação, ciclismo e corrida - dentro de um único evento. Há uma variedade de distâncias sobre as quais os eventos de triatlo são realizados, sendo a prova de ultradistância (ironman) a mais extensa. Autores diversos já relataram a ocorrência de lesões após esforço intenso, seja diretamente, através de alterações histológicas no sarcôme (mais) ro, ou indiretamente, pela quantificação da concentração de proteínas musculares específicas (biomarcadoras de lesão) no plasma. Entre esses marcadores de lesão muscular destacam-se a mioglobina e a creatina cinase. Efetivamente, a creatina cinase é o indicador bioquímico mais utilizado na literatura como indicador da ocorrência de lesão muscular. Dentro desse contexto justifica-se o objetivo do presente trabalho que visa verificar o efeito do exercício nas concentrações séricas de creatina cinase em triatletas de ultradistância frente a um período de competição. Para tanto, foram avaliados os dados das concentrações séricas de CK de 10 atletas que participaram da prova do Ironman Brasil de 2007. As análises sanguíneas foram realizadas em cinco períodos distintos: 19 dias antes da prova do ironman (CK1), 48 horas antes da prova (CK2), imediatamente após (CK3), cinco dias após (CK4) e 12 dias depois da prova (CK5). Os resultados apontaram aumento significativo nas concentrações de CK nos períodos 3 e 4 em relação aos demais períodos avaliados. Estas alterações evidenciam a influência do exercício exaustivo sobre as concentrações de CK, revelando a possibilidade de desenvolvimento de lesões musculares durante essa competição. Este fato reforça a importância do monitoramento de biomarcadores, como a CK, que permite a treinadores e atletas ajustarem suas cargas de treinamento para aumentar os benefícios do treinamento e para evitar o supertreinamento, melhorando o desempenho, a saúde e a qualidade de vida do atleta. Resumo em inglês Triathlon is a popular sport with world wide participation. It combines three different endurance modalities - swimming, cycling and running - within a single event. There is a variety of distances on which triathlon events are made, the Ironman race being the longest. Many authors have already reported injury occurrence after intense exertion, either directly, through histological sarcomere alterations, or indirectly, over the quantification of specific muscle proteins c (mais) oncentration (injury biomarkers) in the plasma. Among these markers of muscle injury, Myoglobin and Creatine Kinase stand out. In fact, creatine kinase is the most used biochemical indicator of muscle injury occurrence. Within this context, it is justified the purpose of this study, that intends to verify exercise effects on serum levels of creatine kinase in ultra-distance triathletes in the course of a competition period. Serum levels of CK from 10 triathletes who competed in the Ironman Brazil event, 2007 were evaluated. Blood analyses were done at five distinct periods: 19 days before Ironman Brazil competition (CK1), 48 hours before it (CK2), immediately after it (CK3), five days after the competition (CK4) and 12 days after the event (CK5). The results showed significant increase on CK concentrations at periods 3 and 4, when compared to the other evaluated periods. These alterations evidence the influence of the Ironman competition exhaustive exercise over the CK concentrations, revealing the possibility of muscle injuries development during the event. This fact enhances the importance of biomarkers' monitoring, like CK, that allow coaches and athletes to adapt training loads to increase their benefits and to avoid overtraining, improving performance, health and quality of life.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

19

Efeito do alongamento pós exercício na concentração sérica de creatina kinase (ck) de homens e mulheres/ Efect of stretching after exercise on serum cretine kinase of men and women

Pereira, Rafael; Brust, Adriana; Barreto, Juliano Gomes; Machado, Marco
2007-04-01

Resumo em português O alongamento é um recurso terapêutico manual comumente utilizado como medida profilática contra lesões e microlesões induzidas por exercício. Objetivou-se avaliar o efeito do alongamento após realização de exercício resistido na concentração sérica de CK em sujeitos saudáveis. 36 indivíduos, 18 homens e 18 mulheres foram divididos aleatoriamente em dois grupos, Controle (C) e Alongamento (A). Foi dosada a concentração de CK pré-exercício e após exerc� (mais) �cio para membros inferiores, imediatamente após o exercício os integrantes do grupo A realizaram alongamento ativo, sendo realizadas mais 3 coletas com intervalo de 24 horas entre estas. O grupo A apresentou um aumento na concentração CK 24 horas após o exercício. A medida da concentração de CK dos homens do grupo A apresentou diferença em relação à pré-exercício e em relação à medida de 24 horas do grupo controle, o mesmo comportamento não foi observado nas concentrações de CK das mulheres de ambos os grupos. O exercício realizado não foi suficiente para provocar micro-traumas no tecido músculo-esquelético, exceto o grupo A, indicando que o alongamento causou maiores injúrias ao tecido. sse mec este efeito relacionado ao o indutor de micro-lesrem. O alongamento após exercício resistido demonstrou efeito indutor de microtraumas no tecido músculo-esquelético, sendo os homens mais susceptíveis a este efeito. Resumo em inglês The stretching exercise is usually used as a prophylactic way against damage in muscle induced by exercise. The objective of this study was to evaluate the effect of stretching after an resisted exercise in the serum concentration of creatine kinase, CK, in healthy subjects. Thirty six subjects, 18 men and 18 women were random into two groups. Control (C) and Stretching (A). The concentration of CK was measured pre-stretching and pos-stretching for the lower limbs. Immedi (mais) ately after the exercise, the group A participants have performed the active stretching, and then other three blood collection were taken with a break of 24 hours between them. Group A showed an increase in CK concentration 24 hours after exercise and group A men´s CK concentration was different compared to the pre-stretching and in confrontation to the 24 hours measure of control group. The same behavior was not been observed in women CK levels in both groups. The exercise performed was not enough to cause micro lesions in musculoskeletal tissue, except in group A, wich is an indicative that stretching caused more muscle injuries. Stretching after resisted exercise demonstrated an induced effect of micro traumas in muscle tissue and that men were more likely to it.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

20

CK Sérica é modulada por exercício mas não por suplementação de creatina/ Serum CK concentration is modulated by exercise but not creatine supplementation

Machado, Marco; Sampaio-Jorge, Felipe; Teixeira- Ferreira, André; Knifis, Franz W.
2007-04-01

Resumo em português Exercícios são indutores de aumentos na concentração sérica de CK, indicador de microlesões, sendo especulado que o uso da suplementação de creatina potencializaria este efeito. O objetivo deste estudo foi verificar se a suplementação de creatina modifica a concentração de CK em sedentários submetidos a exercícios. Vinte e sete homens sedentários, entre 18 e 25 anos participaram de um estudo duplo-cego placebo controlado. No primeiro dia todos foram submeti (mais) dos a uma avaliação cineantropométrica e nutricional e posteriormente divididos aleatoriamente em 2 grupos: C (n = 15) e P (n = 12). Depois da suplementação todos foram submetidos a um programa de 5 exercícios (3x10 repetições) a 85% de 1RM. Os sujeitos tiveram a concentração de CK medida antes da suplementação, imediatamente antes, 4h e 24h após os exercícios. Houve aumento na MCT dos sujeitos suplementados com creatina (0,7 ± 0,3 kg). Não houve aumento da variação da concentração de CK medida após a suplementação e após o exercício, contudo a concentração de CK aumentou 24h após em ambos os grupos (253 ± 27% no grupo C e 262 ± 31% no grupo P). A diferença da concentração de CK pós-exercício (24h) foi maior em ambos os grupos analisados neste estudo sem, no entanto mostrar efeito da suplementação. Resumo em inglês Exercises are inductive of increases in serun CK concentration, microinjuries marker, being speculated that the use of creatine supplementation would increases this effect. The aim of this study was to verify if creatine supplementation modifies the concentration of CK in sedentary submitted the exercises. Twenty seven sedentary men, between 18 and 25 years had participated of controlled a double-blind study placebo. In the first day all had been submitted to a evaluation (mais) and later divided in 2 groups: C (n = 15) and P (n = 12). After the supplementation all had been submitted to a program of 5 exercises (3x10 repetitions) 85% of 1RM. The subjects had the concentration of CK measured before the suplementação, immediately before, 4h and 24h after the exercises. It had increase in the MCT of the subjects supplemented with creatine (0,7 ± 0,3 kg). the variation of the concentration of CK did not have increase of measured after the supplementation and after the exercise, however the CK concentration after increased 24h in both the groups (253 ± 27% in 262 group C and ± 31% in group P). The difference of the CK concentration after-exercise (24h) was bigger in both the groups analyzed in this study without, however to show effect of the supplementation.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

21

Desempenho da potência anaeróbia em atletas de elite do mountain bike submetidos à suplementação aguda com creatina/ Anaerobic power output of elite off-road cyclists with acute oral creatine supplementation

Molina, Guilherme Eckhardt; Rocco, Guilherme Fávero; Fontana, Keila Elizabeth
2009-10-01

Resumo em português Com o objetivo de investigar os efeitos da suplementação aguda com creatina no desempenho da potência anaeróbia de atletas de elite do mountain bike, 20 atletas em período básico do macrociclo de treinamento foram distribuídos aleatoriamente (duplo-cego) em dois grupos: placebo (PLA, n = 10) e creatina (CRE, n = 10). Foram avaliados quanto à composição corporal (pesagem hidrostática) e potência anaeróbia (teste de Wingate - TW) antes (PRÉ) e depois (PÓS) de (mais) sete dias de suplementação. A creatina ou maltodextrina foi usada em três doses diárias de 0,3g/kg de massa corporal diluídos em meio líquido adoçado. Não foram observadas diferenças significativas nas variáveis morfológicas após sete dias de suplementação (PRÉ x PÓS), e os grupos não diferiram apesar da variação percentual (Δ%) contrária (positiva para o grupo CRE e negativa para o PLA). A potência anaeróbia pico (PP) e o instante da potência pico (IPP) aumentaram e o índice de fadiga diminuiu do PRÉ para o PÓS-testes no grupo CRE, enquanto que o grupo PLA não apresentou diferenças significantes. A PP apresentou forte tendência em ser maior e o IPP foi maior no grupo CRE comparado com o PLA. Conclui-se que existem evidências de que a suplementação com creatina (0,3g/kg) em curto prazo (sete dias) pode retardar o IPP (CRE 3,0 ± 0,5/3,6 ± 0,8 Δ%= 20%) no teste de Wingate em atletas de elite do mountain bike, sugerindo que a suplementação com creatina pode melhorar o desempenho físico quanto à potência anaeróbia durante o trabalho de alta intensidade e curta duração. Resumo em inglês In order to investigate the effect of a high dose, acute oral creatine supplementation on anaerobic power of male off-road cyclists, twenty elite athletes training at the basic period were randomly (double-blind) assigned into 2 groups: placebo (PLA n=10) and creatine (CRE n=10). They were submitted to a body composition evaluation (underwater weighting) and Wingate Anaerobic Test (TW) before (PRE) and after (POS) seven days of supplementation. The oral supplements (creat (mais) ine and maltodextrine) were taken in sweetened vehicle with three equal doses per day (0. 3 g/kg body mass/dose). After a seven-day period, no significant differences were found on morphological variables (PRE x POS) and there was no difference between the groups in spite of the opposite percent variation (Δ%) (positive for CRE and negative for PLA group). The anaerobic power output (PP) and the moment of pick power (IPP) increased and the fatigue index decreased from PRE to POST tests in CRE group; however, the PLA group did not show significant differences. The PP showed strong tendency to increased values and IPP was greater in the CRE compared with the PLA group. The results of the present study indicated that short-term creatine supplementation (0.3g/kg) can postpone the anaerobic IPP (CRE 3.0 ± 0.5/3.6 ± 0.8 Δ%= 20%) leading to significant improvement on the performance of power output and peak power moment in off-road cyclists.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

22

Análise do masseter, por espectroscopia de próton, em pacientes com esclerose sistêmica/ Proton spectroscopy study of the masseter in patients with systemic sclerosis

Marcucci, Marcelo; Abdala, Nitamar
2009-06-01

Resumo em português OBJETIVO: Avaliar a concentração de metabólitos no masseter em portadores de esclerose sistêmica, analisando os índices de creatina, colina, lipídio e lactato, e relacionar com a presença de osteólise mandibular. MATERIAIS E MÉTODOS: Foram selecionados 25 pacientes, sendo 15 com diagnóstico de esclerose sistêmica e agrupados de acordo com a presença (grupo I) ou ausência (grupo II) de osteólise, e 10 indivíduos normais (grupo III, controle). Todos foram sub (mais) metidos a exame de espectroscopia de próton por ressonância magnética, com técnica PRESS e aquisição tridimensional. RESULTADOS: O estudo dos metabólitos dos três grupos apresentou os mesmos valores absolutos de creatina e lipídio. Os pacientes do grupo I apresentaram maior quantidade de colina em relação aos do grupo III. Já os indivíduos dos grupos I e II apresentaram menor quantidade de lactato em relação aos indivíduos normais. Os índices creatina/lipídio e colina/lactato foram os mesmos em todos os grupos. CONCLUSÃO: Observamos menor quantidade de lactato nos pacientes com esclerose sistêmica (grupos I e II). A colina está aumentada nos pacientes com osteólise mandibular (grupo I). Os índices creatina/colina, creatina/lactato, lipídio/lactato e colina/lipídio foram diferentes entre os grupos estudados. Mais estudos são necessários para a compreensão da participação do masseter no desenvolvimento da osteólise mandibular. Resumo em inglês OBJECTIVE: To evaluate metabolite concentration in the masseter of patients with systemic sclerosis, by analyzing creatine, choline, lipid and lactate levels, and correlating them with the presence of mandibular osteolysis. MATERIALS AND METHODS: The sample included 25 individuals, 15 of them with diagnosis of systemic sclerosis, divided into two groups according to the presence (group I) or absence (group II) of osteolysis, and 10 healthy individuals (group III, control) (mais) . All of them were submitted to proton magnetic resonance spectroscopy with PRESS sequence and 3D acquisition. RESULTS: Metabolite analysis showed that the creatine and lipid levels were the same for the three groups. Patients in group I presented higher levels of choline when compared with group III. On the other hand, lower lactate levels were observed in groups I and II when compared with the healthy individuals. Creatine/lipid and choline/lactate ratios were the same in the three groups. CONCLUSION: Lower lactate levels were observed in the patients with systemic sclerosis (groups I and II). Choline levels were increased in the patients with mandibular osteolysis (group I). Creatine/choline, lipid/lactate and choline/lipid ratios were different among the three groups. Further studies are necessary to understand the role played by the masseter in the development of mandibular osteolysis.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

23

Estudo do metabolismo energético muscular em atletas por 31P-ERM/ Muscular energetic metabolism study in athletes by 31P-MRS

Santos, Maria Gisele dos; González de Suso, Jose Manuel; Moreno, Angel; Cabanas, Miquel; Arus, Carles
2004-04-01

Resumo em português OBJETIVO: Caracterizar as reservas energéticas de metabólitos fosforilados no músculo esquelético de atletas mediante 31P-ERM. MÉTODOS: Amostra deste estudo foi formada por 14 atletas de alto nível do Centro de Alto Rendimento Esportivo (CAR, Sant Cugat del Vallés, Espanha). O padrão de metabólitos fosforilados foi medido no músculo vasto medial por 31P-ERM. A suplementação oral foi realizada durante 14 dias, na forma de 20g de monohidrato de creatina. Os atle (mais) tas foram determinados conforme as suas características físicas (peso, altura, índice de massa corporal (IMC), consumo máximo de oxigênio (VO2 Max.) em dois grupos: placebo (maltodextrina) e suplementação com creatina. O protocolo de exercício foi realizado no interior do túnel de ressonância (160 x 52 cm), a 60 ciclos por minuto para ambas as pernas. RESULTADOS: Os resultados demonstraram um aumento significativo da fosfocreatina (PCr) durante o exercício, após o período de suplementação, denotando uma redução do seu consumo no grupo que recebeu suplementação com creatina; não houve diminuição significativa do pH intracelular e fosfato inorgânico após a suplementação. CONCLUSÃO: O protocolo de exercício realizado pelos fundistas no Centro de Diagnóstico de Pedralbes permitiu detectar mediante 31P-ERM, no grupo que foi suplementado com creatina, uma diminuição do consumo de PCr durante os períodos de exercício. Resumo em inglês BACKGROUND: The aim of this study was to characterize the muscular reservoirs of phosphorilated energetic components of athletes using 31P-MRS. METHODS: The sample was formed by 14 elite athletes from the Center for High Sportive Performance (CAR, Sant Cugat del Vallés, Spain). The pattern of the phosphorilated metabolites was measured from the muscle vastus medialis by 31P-MRS. Oral supplementation of 20 g of Creatine monohydrate was given during 14 days. Two groups of (mais) athletes were formed according to their physical characteristics (weight, height, body mass index, maximum O2 uptake). The first group received a placebo (maltodextrine), while the second group received a diet of creatine supplement. The exercise was performed inside the resonance tunnel with a frequency of 60 RPM with both legs. RESULTS: The results showed that significant decrease occurred in phosphocreatine (PCr), inorganic phosphate (Pi) and intracellular pH after supplementation. CONCLUSION: It was concluded that the exercise performed by the long distance runners recruited in this study, detected by 31P-MRS, reduced the consumption of PCr during exercise owing to creatine supplementation diet.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

24

Comportamento de componentes bioquímicos do sangue em equinos submetidos à ozonioterapia/ Profile of blood biochemistry components in horses treated with ozone therapy

Haddad, M.A.; Souza, M.V.; Hincapie, J.J.; Ribeiro Junior, J.I.; Ribeiro Filho, J.D.; Benjamin, L.A.
2009-06-01

Resumo em português O comportamento de constituintes bioquímicos sanguíneos (glicose, fibrinogênio, creatina fosfoquinase e gama-glutamiltransferase) foi monitorado, in vivo, em 12 equinos mestiços (seis machos e seis fêmeas), com idade entre 4 e 20 anos, submetidos à ozonioterapia. O tratamento foi realizado mediante administração de 500 ou 1000mL da mistura de oxigênio-ozônio (O2-O3) por via intravenosa, a cada três dias, durante 24 dias. Os equinos foram distribuídos em quatro (mais) grupos: MT500 constituído por três machos tratados com 500mL; MT1000 por três machos tratados com 1000mL; FT500, por três fêmeas tratadas com 500mL e FT1000, por três fêmeas tratadas com 1000mL. A ozonioterapia por via intravenosa não ocasionou alterações clínicas nos equinos. Os valores médios mínimos e máximos de glicose, fibrinogênio, creatina fosfoquinase e gama-glutamiltransferase mantiveram-se dentro dos limites de referência para a espécie equina. Houve diminuição nas concentrações da glicose e gama-glutamiltransferase ao longo dos períodos de aplicação e aumento nos valores do fibrinogênio. A creatina fosfoquinase não sofreu efeito do tratamento. Resumo em inglês The profile of blood biochemistry variables (glucose, fibrinogen, creatine phosphokinase, and gamma glutamyltransferase) was in vivo monitored in 12 crossbred horses (six males and six females), aging from four to 20-years-old treated with ozone therapy. Treatments were carried out by applying 500 or 1000mL of the mixture oxygen-ozone (O2-O3) via intravenous route, every three days, during 24 days. Horses were assigned to four groups: MT500 (three males given 500mL), MT10 (mais) 00 (three males given 1000mL), FT500 (three females given 500mL) and FT1000 (three females given 1000mL). Ozone therapy by intravenous route caused no clinical changes in the horses. Minimum and maximum mean values of glucose, fibrinogen, creatine phosphokinase, and gamma glutamyltransferase were within the range considered as normal reference for the equine species. There was decrease in glucose and gamma glutamyltransferase concentrations over the period of application, whereas fibrinogen increased and creatine phosphokinase was not affected by the treatment.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

25

Exercício físico e estresse oxidativo: efeitos do exercício físico intenso sobre a quimioluminescência urinária e malondialdeído plasmático/ Physical exercise and oxidative stress: effect of intense physical exercise on the urinary chemiluminescence and plasmatic malondialdehyde/ Ejercício físico y estres oxidativo: efectos del ejercício físico intenso sobre la quimioluminiscencia urinaria y el malondialdheído plasmático

Souza Jr., Tácito Pessoa de; Oliveira, Paulo Roberto de; Pereira, Benedito
2005-02-01

Resumo em português Estudos têm demonstrado que o exercício físico intenso provoca estresse oxidativo em animais e humanos, estando possivelmente relacionado, por exemplo, com fadiga e lesões teciduais. Por outro lado, poucos estudos relatam a sua ocorrência em atletas sob treinamento intenso, principalmente devido a problemas metodológicos. O presente estudo teve como objetivo, portanto, estudar em atletas a possível ocorrência de lesões oxidativas em lipídeos em decorrência do e (mais) xercício físico ou do treinamento através da quantificação da quimioluminescência urinária e malondialdeído (MDA) plasmático. Os exercícios utilizados foram: a) corrida na esteira rolante (25-30min), com a quantificação de ambos os parâmetros e da capacidade antioxidante plasmática total; b) corrida de 20km realizada por maratonistas; c) treinamento intervalado intenso realizado por corredores de 400m rasos; d) jogo de futebol com 50min de duração; e e) treinamento de força/musculação com e sem suplementação com creatina. Nos quatro últimos itens, somente a quimioluminescência urinária foi avaliada. As condições em que se notou elevação significativa na quimioluminescência urinária após a realização do exercício são: a) corrida de 20km; b) jogo de futebol; e c) treinamento de força/musculação sem suplementação com creatina. A corrida na esteira promoveu aumento na concentração plasmática de MDA durante e após a sua realização; a capacidade antioxidante plasmática total modificou-se de forma inversamente proporcional ao aumento no MDA. Os exercícios praticados pelos atletas neste trabalho provocaram estresse oxidativo de maneira diferente, estando possivelmente relacionado com a duração e a intensidade dos mesmos, e não somente com a intensidade. Neste trabalho também se constatou que o consumo de creatina associado ao treinamento de força/musculação pode atuar como antioxidante. Resumo em espanhol Estudios tienen demostrado que el ejercicio físico intenso provoca estrés oxidativo en animales y humanos, estando posiblemente relacionado, por ejemplo, con fatiga y lesiones tendinosas. Por otro lado, pocos estudios relatan a su hallazgos en atletas bajo entrenamiento intenso, principalmente debido a problemas metodológicos. El presente estudio tiene como objetivo, por tanto, estudiar en atletas la posible ocurrencia de lesiones oxidativas en lípidos en disminución (mais) del ejercicio físico o de entrenamiento a través de la cuantificación de la quimioluminescencia urinaria y del malondialdheído (MDA) plasmático. Los ejercicios utilizados fueron: a) carrera en cinta rodante (25-30 min), con la cuantificación de ambos parámetros y de la capacidad antioxidante plasmática total; b) carrera de 20 km realizada por maratonistas; c) entrenamiento intervalado intenso realizado por corredores de 400 m planos; d) juego de fútbol con 50 min de duración y; e) entrenamiento de fuerza / musculación con y sin suplementación con creatina. Los cuatro últimos ítems, solamente la quimioluminescencia urinaria fue evaluada. Las condiciones en que se notó elevación significativa de la quimioluminescencia urinaria después de la realización del ejercício son: a) carrera de 20 kms; b) juego de futbol y; c) entrenamiento de fuerza / musculación sin suplementación con creatina. La carrera en la cinta promovió un aumento en la concentración plasmática de MDA durante y después su realización, siendo que la capacidad antioxidante plasmática total se modificó de forma inversamente proporcional al aumento del MDA. Los ejercícios praticados por los atletas en este trabajo provocaran strés oxidativo de manera diferente, estando posiblemente relacionado con la duración y la intensidad de los mismos, y no solamente con la intensidad. En este trabajo también se constató que el consumo de creatina asociado al entrenamiento de fuerza / musculación puede actuar como antioxidante. Resumo em inglês Several studies have demonstrated that intense physical exercise causes oxidative stress in animals and humans, being possibly related, for instance, to fatigue and tissue lesions. However, the effects of high intensity exercise or training performed by athletes on the occurrence of oxidative stress are not fully clear, possibly due to methodological limitations. The objective of this study was to identify the occurrence of oxidative lesions in lipids due to physical trai (mais) ning in athletes, through the quantification of the urinary chemiluminescence and plasmatic malondialdehyde (MDA). Post-exercise samples were collected after four training protocols: a) treadmill running (25-30 min); b) 20 km running performed by marathon runners; c) interval training accomplished by 400 m runners; d) soccer game with 50 min duration; and e) strength training with and without creatine supplementation. In the last four items, only the urinary chemiluminescence was evaluated. The conditions that presented elevation in urinary chemiluminescence after exercise completion were: a) 20 km running; b) soccer game; and c) strength training without creatine supplementation. The treadmill running increased plasmatic MDA concentration during and after its performance, and the plasmatic antioxidant capacity had an inverse behavior compared to the increase in MDA. The exercise used in this work promoted oxidative stress in a different way and this may be related to the duration and the intensity performed by athletes, and not only to intensity. In this work it was also observed that creatine ingestion associated with strength training might work as antioxidant.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

26

Relação de alguns suplementos nutricionais e o desempenho físico

de Rezende Gomes, Mariana; Tirapegui, Julio
2000-12-01

Resumo em português Muitos atletas e praticantes de atividade física vem consumindo os mais diversos suplementos afim de obterem melhor forma física e desempenho em competições. Com isso estudos vem sendo feitos para determinar se estes suplementos realmente promovem efeitos ergogênicos. A creatina parece estar relacionada com aumento do desempenho em exercícios intermitentes de alta intensidade, a carnitina com a melhora da capacidade aeróbia estimulando a utilização da gordura com (mais) o substrato energético durante os exercícios de longa duração e o bicarbonato com o aumento do pH sanguíneo prorrogando a fadiga em exercícios semelhantes aos indicados para creatina. Outros suplementos como cromo e aminoácidos de cadeia ramificada estão também envolvidos nas alterações de composição corporal como ganho de massa magra e perda de gordura corporal. A maior parte dos efeitos causados por esses suplementos durante a atividade física ainda não está totalmente elucidada na literatura, bem como seus efeitos colaterais. Resumo em inglês Relation of some nutritional supplements and physical performance. Many athletes and active people have consumed a large variety of supplements in order to get a good shape or a better performance in competitions. Due to this, several studies have been carried out to determine if these supplements are in fact ergogenic aids. Creatine seems to be related to the performance enhance in high intensity intermittent exercises. Carnitine might probably improve the aerobic capaci (mais) ty by stimulating lipid oxidation on muscle cells during long term exercise. Bicarbonate is thought to increase blood pH delaying the onset of peripheral fatigue in high intensity exercises of short duration and strength training. Some other supplements like branched-chain amino acids and chromium are also involved in body composition changes as a gain of fat free mass and loss of fat mass. The effects caused by these supplements during physical activity have not been fully described in literature yet as well as their side effects.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

27

Influência da lidocaína na proteção miocárdica com solução cardioplégica sangüínea

DIAS, Ricardo Ribeiro; DALVA, Moise; SANTOS, Benedito; KWASNICKA, Karina Lacava; SARRAFF, Ana Paula; DIAS, Altamiro Ribeiro; MOREIRA, Luis Felipe Pinho; STOLF, Noedir Antônio Groppo; OLIVEIRA, Sérgio Almeida
2002-09-01

Resumo em português OBJETIVO: Avaliar a eficácia da proteção miocárdica obtida com o acréscimo da lidocaína à solução sangüínea hipercalêmica normotérmica. MÉTODO: Foram estudados 26 cães, divididos em dois grupos de dez animais e um grupo de seis, de forma aleatória, conforme a solução cardioplégica de indução que receberam. O grupo I recebeu a solução composta por lidocaína 5mg/kg, cloreto de potássio 41,6mEq/l em 180ml de sangue normotérmico. O grupo II recebeu a (mais) solução anterior sem lidocaína e o grupo III recebeu somente os 180ml de sangue. A solução de manutenção foi a mesma para os 3 grupos composta por 120ml de sangue normotérmico, reinfundidos a cada 20min. Os animais foram submetidos à circulação extracorpórea, a duas horas de isquemia miocárdica e três horas de reperfusão. Foram avaliados mortalidade operatória, dosagens seriadas de troponina I, creatina quinase e lactado, débito cardíaco, fração de ejeção e fração de área das mitocôndrias. A análise estatística foi através dos testes exato de Fisher e a análise de variância de duplo fator complementada com o teste de Bonferroni. RESULTADO: O grupo I apresentou menor mortalidade (p=0,08), menor liberação da creatina quinase (p Resumo em inglês OBJECTIVE: The purpose of this research is to evaluate the efficacy of the lidocaine in myocardial protection with normothermic antegrade blood cardioplegia. METHOD: Twenty six dogs were studied divided at random into two groups of ten and one group of six, depending on which cardioplegic solution they had received. Group I received a cardioplegic solution induction of lidocaine 5mg/kg, 41,6mEq/l of KCl and 180ml of normothermic blood. Group II received the same solution (mais) except for the lidocaine and group III received only 180ml of blood. Every 20min 120ml of normothermic blood was reinfused. All dogs underwent cardiopulmonary bypass, two hours of myocardial ischemia and three hours of reperfusion. These dogs were evaluated through operative mortality, myocardial enzymes such as cardiac troponin I and creatine kinase, lactate production, hemodynamic performance measured by ejection fraction and cardiac output, and morphometrics mitochondrial ultrastructural changes. Statistical analysis tests used to compare the results were the Fisher exact test and the two-way Anova. RESULTS: The results have shown that the animals from group I in comparison to those of group II, had no mortality (p=0,08), a lower production of creatine kinase (p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

28

Icterícia de íris após rabdomiólise por esforço em um equino/ Icterus iris after exertional rhabdomyolysis syndrome in a horse

Melo, Ubiratan Pereira de; Ferreira, Cíntia; Fantini, Priscila; Borges, Kárita Dannielle Assis
2009-10-01

Resumo em português Neste trabalho, é descrito um caso de icterícia de íris em equino da raça Paint. Ao exame clínico, foram observados tremores, dor muscular, relutância em andar, taquicardia, taquipnéia e icterícia de íris. As concentrações séricas de creatina cinase, aspartato aminotransferase, lactato desidrogenase e bilirrubina indireta estavam marcadamente elevadas. Com base na anamnese, sintomatologia clínica e bioquimica sérica, diagnosticou-se síndrome da rabdomiólis (mais) e por esforço. Foram instituídos os seguintes tratamentos: terapia analgésica, fluidoterapia e restrição de exercício. Após seis dias, houve a remissão dos sinais clínicos e o retorno da coloração original da íris. Resumo em inglês One case of icterus iris diagnosed in an American Paint Horse is described. Stiffness, painful muscle, reluctance to move, elevated respiratory and heart rates, and icterus iris were observed in the clinical examination. Creatine kinase, aspartate aminotransferase, lactate dehydrogenase, alkaline phosphatase, and bilirubin levels were markedly elevated. Exertional rhabdomyolysis syndrome was diagnosed. Analgesic therapy, fluid therapy, and limited exercise were prescribed. After six days there was a remission of clinical signs and return the original color of the iris.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

29

Avaliação de diferentes híbridos suínos submetidos à insensibilização elétrica e gasosa (CO2). Parte 1: mensuração de indicadores sanguíneos de estresse/ Evaluation of pig hybrids stunned with electrical and gaseous (co2) systems. Part 1: blood stress indicators

Bertoloni, William; Silveira, Expedito Tadeu Facco; Ludtke, Charlí B.; Andrade, Juliana C. de
2006-09-01

Resumo em português Suínos provenientes de três linhagens genéticas A, B e C comercializadas no Brasil, com peso vivo de 100 a 120 kg foram submetidos ao insensibilizador elétrico manual (Karl Schermer 220-230/250 volts, 45-60 Hz e 1,4 -1,5 A) e ao sistema gasoso coletivo (COMBI-BUTINA 90% CO2). Alíquotas sanguíneas, para determinação dos níveis de creatina fosfoquinase (CPK), lactato e cortisol, assim como amostras do músculo semimembranosus (10 g) para a determinação do gene ha (mais) lotano, foram coletadas. Comparando-se os sistemas de insensibilização elétrico e gasoso (CO2), o elétrico demonstrou ser mais estressante, proporcionando maiores concentrações plasmáticas de cortisol (p Resumo em inglês Pigs of three genetics lineages A, B and C marketed in Brazil, with alive weight from 100 to 120 kg were submitted to the manual electric stunning (Karl Schermer 220-230/250 volts, 45-60 Hz and 1.4 -1.5 A) and to the collective gaseous system (COMBI-BUTINA 90% CO2). Blood samples, for levels determination of creatine phosphokinase (CPK), lactate and cortisol, as well as samples of the semimembranosus muscle (10 g) for the determination of the gene halothane, were collecte (mais) d. Being compared the electric and gaseous stunning systems, the electric stunning did demonstrate to be more stressful providing larger plasmatic concentrations of cortisol ( p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

30

Estruturação de cristais de gelo em soluções aquosas contendo solutos diversos/ Ice crystals structuring in water solutions containing different solutes

CARNEIRO, CLÉCIA SILVA; CAL-VIDAL, JOSÉ
2000-02-01

Resumo em português Existe uma grande demanda de conhecimentos na área de criopreservação de frutos tropicais com vistas a reduzir os danos celulares provocados por cristais de gelo durante o congelamento. O objetivo deste trabalho foi estudar a capacidade de estruturação de cristais de gelo. Soluções aquosas contendo arabinose, glicose, piridoxina, creatina, metionina, lisina e arginina, foram submetidas a congelamento lento em ar estático e as amostras resultantes examinadas por mi (mais) croscopia ótica sob luz polarizada. Os açúcares arabinose e glicose provocaram nos cristais de gelo estruturações que variaram de uma configuração hexagonal a uma arbórea, dentre outras. Vitaminas hidrossolúveis e compostos hidrofílicos ou hidrofóbicos favoreceram a formação de arranjamentos circulares filamentosos. Resumo em inglês There is a great demand for information about the cryopreservation of tropical fruits to reduce cell damage caused by ice crystals during freezing. The objective of this work was to study the structuring capacity of ice cristals. Water solutions having arabinose, glucose, pyridoxine, creatine, methionine, lysine and arginine were submitted to a slow freezing process and the resulting samples were examined under an optical microscope under polarized light. Sugars (arabinos (mais) e and glucose) caused a range of structures, from hexagonal to tree-like configurations, among others. Water soluble vitamins and hydrophilic or hydrophobic compounds favored the formation of needles arranged in a circular-type manner.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

31

Doença de Alzheimer e espectroscopia por ressonância magnética do hipocampo/ Alzheimer's disease and magnetic resonance spectroscopy of the hippocampus

Engelhardt, Eliasz; Moreira, Denise M.; Laks, Jerson; Marinho, Valeska M.; Rozenthal, Marcia; Oliveira Jr, Amarino C.
2001-12-01

Resumo em português OBJETIVOS: Obtenção de dados do espectro de metabolitos por ressonância magnética da formação hipocampal no idoso normal e com doença de Alzheimer (DA). MÉTODO: Os indivíduos foram pareados por idade, sendo 20 na amostra normal, CDR=0 e 40 com DA 3 CDR=1 e 2. Utilizou-se aparelho Signa Horizon LX-GE, 1.5T, ¹H-ERM com aplicativo automatizado PROBE/SV, VOI: hc (direito e esquerdo); voxel único (2x2x2cm); TR 1500ms/TE 50ms; PRESS; metabolitos: N-acetilaspartato (N (mais) aa), colina (Cho), creatina (Cr), mio-inositol (mI). RESULTADOS: Os presentes dados se referem aos quocientes de Naa, Cho e mI, com Cr tomada como referência e relação mI/Naa. O estudo mostrou o Naa reduzido, o mI e a relação mI/Naa aumentados e os resultados em relação à Cho foram variados. Os resultados da amostra global dos pacientes com DA em comparação à média ± dp da amostra normal foram significativos para Naa, mI e mI/Naa (p Resumo em inglês OBJECTIVE: Acquisition of data of magnetic resonance metabolite spectrum of the hippocampal formation (hippocampus-hc) in the elderly, normal and with Alzheimer's disease (AD). METHOD: Subjects matched for age: a. normal sample (n=20), CDR=0, and b. AD sample (n=40), CDR 1 and 2. Technique: Signa Horizon LX-GE, 1.5T, ¹H-MRS with automated software PROBE/SV, VOI: hc (right and left); single voxel (2x2x2cm); TR 1500ms/TE 50ms; PRESS; metabolites: N-acetylaspartate (Naa), c (mais) holine (Cho), creatine (Cr), myo-inositol (mI). RESULTS: The present data relate to the ratios of Naa, Cho and mI, with Cr taken as reference, and the mI/Naa ratio. The study showed reduction of Naa, increase of mI and of the mI/Naa ratio, and not consistent results for Cho. The results of the whole sample of AD patients compared to the pooled normal mean ± sd were significant for Naa, mI and mI/Naa (p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

32

Avaliação descritiva sobre o uso de esteroides anabolizantes e seu efeito sobre as variáveis bioquímicas e neuroendócrinas em indivíduos que praticam exercício resistido/ Descriptive assessment on the use of anabolic steroids and their effect on the biochemical and neuroendocrine variables in practitioners of resisted exercise

Venâncio, Daniel Paulino; Nóbrega, Antonio Claudio Lucas da; Tufik, Sergio; Mello, Marco Túlio de
2010-06-01

Resumo em português O uso dos esteroides anabolizantes vem se tornando um problema de saúde pública ao longo dos últimos anos. No bojo do uso abusivo, muitos efeitos deletérios são observados, na sua totalidade por disfunções dos vários sistemas fisiológicos. Sendo assim, o objetivo do estudo foi o de avaliar o eixo hipófise-gonadal, a função hormonal, as transaminases hepáticas e o perfil de hemograma de 61 voluntários distribuídos em três grupos: 20 usuários de esteroides (mais) anabolizantes praticantes de exercício físico resistido, 21 praticantes de exercício resistido sem uso de esteroides anabolizantes e 20 sedentários. Foi observada elevação do nível de creatina quinase nos dois grupos de indivíduos que se exercitavam de maneira resistida, em relação ao grupo de sedentários (p Resumo em inglês The use of anabolic asteroids has become a public health problem over the last years. Concerning their abusive use, many deleterious effects caused in their totality by dysfunction of the various physiological systems can be observed. Therefore, the aim of the present study was to assess the hypophyseal-gonadal axis, hormone function, hepatic transaminases and hemogram profile of 61 volunteers distributed in three groups: 20 anabolic steroid users, practitioners of resist (mais) ed physical exercise; 21 practitioners of resisted physical exercise with no use of anabolic steroids and 20 sedentary subjects. Increase of the creatine kinase level was observed in the two exercised groups in comparison to the sedentary group (p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

33

Atividade sérica das enzimas AST, CK e GGT em cavalos Crioulos/ AST, CK and GGT enzymes serum activities in Crioulo horses

Franciscato, Carina; Lopes, Sonia Terezinha dos Anjos; Veiga, Ângela Patrícia Medeiros; Martins, Danieli Brolo; Emanuelli, Mauren Picada; Oliveira, Luiz Sergio Segala
2006-10-01

Resumo em português O objetivo deste trabalho foi verificar a influência da idade, sexo, manejo e estado gestacional sobre a atividade sérica das enzimas: aspartato aminotransferase (AST), creatina quinase (CK) e gama-glutamiltransferase (GGT) em cavalos da raça Crioula. Foram utilizados 142 eqüinos, divididos em seis grupos: potros até um ano de idade; cavalos adultos em regime de atividade livre; cavalos adultos em treinamento; machos adultos; fêmeas não gestantes; fêmeas gestantes (mais) . O valor da CK foi mais elevado em animais adultos do que em potros, o mesmo tendo ocorrido em animais em atividade livre, comparados a animais em treinamento. Fêmeas não gestantes apresentaram valores das enzimas CK e GGT maiores que os machos; o valor da CK em fêmeas gestantes foi mais elevado do que em fêmeas não gestantes. A idade, o sexo, o manejo e o estado gestacional influenciam a atividade sérica da CK, e o sexo influencia a atividade sérica da GGT. Resumo em inglês The objective of this work was to evaluate the influence of age, sex, management and pregnancy status on aspartate aminotransferase (AST), creatine kinase (CK) and gamma-glutamyltransferase (GGT) enzymes serum activities of Crioulo horses. One hundred and forty-two horses, divided into six group were analyzed: yearlings; free activity of adult horses; training adult horses; male adult horses; nonpregnant and pregnant females. The CK enzyme activity value was higher in adu (mais) lt horses than in yearlings, and the same result was found when comparing free activity and training horses. Nonpregnant females had higher values for CK and GGT comparing to male horses, and CK values were higher in pregnant comparing to nonpregnant females. Age, sex, management and pregnancy status influence on CK serum activity, and sex influences on GGT serum activity.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

34

Avaliação clínico-laboratorial de bovinos Nelore infectados experimentalmente com Trypanosoma vivax/ Clinical and laboratorial evaluation of Nellore cattle experimentally infected with Trypanosoma vivax

Schenk, Maria A. M.; Mendonça, Carla L.; Madruga, Cláudio R.; Kohayagawa, Aguemi; Araújo, Flábio R.
2001-12-01

Resumo em português Avaliaram-se as alterações clínico-laboratoriais de seis bezerros Nelore, de ambos os sexos, inoculados experimentalmente com 10(7) organismos viáveis de Trypanosoma vivax, isolados de bovinos da região de Poconé, Estado de Mato Grosso. Os animais foram observados diariamente, durante 30 dias, quanto aos parâmetros de temperatura retal, volume globular (VG), parasitemia, produção de anticorpos, coloração de mucosas, comportamento e apetite. Determinaram-se os n (mais) íveis séricos de aspartato aminotransferase (AST), fosfatase alcalina (FA), gama glutamiltransferase (GGT), creatina kinase (CK), colesterol, uréia, creatinina, cálcio, fósforo e o perfil eletroforético das proteínas séricas aos 4, 8, 12, 16, 23 e 30 dias pós-inoculação (DPI). Durante os 6 meses seguintes, os animais foram observados semanalmente, avaliando-se a temperatura retal, o VG e a parasitemia. T. vivax foi evidenciado a partir do terceiro e quarto DPI em todos os bezerros e persistiu até o 30° DPI em cinco dos seis animais em estudo. Ocorreu um decréscimo significativo (p Resumo em inglês In order to evaluate the clinical-laboratorial alterations, six Nellore calves were inoculated with 10(7) Trypanosoma vivax isolated from Poconé region, Mato Grosso, Brazil. The animals were evaluated daily for rectal temperature, packed cell volume (PCV), parasitemia, antibody production, color of mucous membranes, behavior and appetite. Blood and serum samples for biochemical evaluation for aspartate aminotransferase (AST), alkaline phosphatase (AF), gamma glutamyltran (mais) sferase (GGT), cholesterol, urea, creatinine, creatine kinase (CK), calcium, phosphorus and proteinogram were collected on days 4, 8, 12, 16, 23 and 30 post inoculation (DPI). During the following 6 months rectal temperature, PCV and parasitemia were evaluated weekly. T. vivax was evidenced from 1 DPI in all calves and persisted until day 30 in five of six animals. A remarkable decrease (p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

35

Consumo de suplementos por jovens freqüentadores de academias de ginástica em São Paulo/ Supplement use amongst young individuals in São Paulo's fitness centers

Hirschbruch, Marcia Daskal; Fisberg, Mauro; Mochizuki, Luis
2008-12-01

Resumo em português A preocupação com a aparência e a estética pode levar ao consumo indiscriminado de suplementos nas academias. Os fatores relacionados ao consumo de suplementos em 201 jovens entre 15 e 25 anos freqüentadores de academias de ginástica da cidade de São Paulo foram investigados através da aplicação de formulário próprio. O uso de suplementos é relatado por 61,2% (n = 123) da amostra. Os homens usam mais suplementos que as mulheres (p (mais) endem a utilizar mais que os adultos jovens (p = 0,07). Os suplementos mais utilizados são bebidas esportiva (12%), hipercalóricos (12%), aminoácidos (10%), proteínas (10%) e creatina (8%), basicamente por auto-prescrição (42,8%) e pela indicação de treinadores (27,5%). O consumo de suplementos é significativamente maior entre aqueles que se exercitam há mais tempo; freqüentam a academia há mais tempo; e ficam na academia mais horas/semana. Ter amigos usuários (p = 0,03) e/ou um usuário em casa (p = 0,01) influencia no consumo de suplementos. O consumo de suplementos é uma prática que faz parte da realidade das academias de ginástica e o ambiente é favorecedor do uso desses produtos. Resumo em inglês The concern with physical appearance and aesthetics in fitness centers can lead to an indiscriminate use of supplements. A questionnaire was used to investigate factors relating to supplement use among 201 young users of fitness centers in the city of São Paulo, Brazil. Supplement use was reported by 61.2% (n = 23) of the sample. Men use more supplements than women (p (mais) y this group are sports drinks (12%); high-calorie "gainers" (12%), amino acids (10%), proteins (10%) and creatine (8%). The supplements are taken trough own initiative (42.8%) and trainers' recommendation (27.5%). Those who have been exercising for a longer time, go more often to the fitness centers, and devote more time to exercise/week are significantly more involved in supplement use. The presence of user friends (p = 0.03) and/or a user at home (p = 0.01) also influences on the use of supplements. Supplement use is a widespread, common practice at fitness centers, whose environment favors their use.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

36

Espectroscopia de prótons na doença de Alzheimer e no comprometimento cognitivo sem demência: estudo de uma amostra comunitária/ Proton spectroscopy in Alzheimer's disease and cognitive impairment not dementia: a community study

Azevedo, Dionísio; Bottino, Cássio M.C.; Tatsch, Mariana; Hototian, Sergio R.; Bazzarella, Mario C.; Castro, Cláudio C.
2005-12-01

Resumo em português OBJETIVO: Descrever os achados da espectroscopia de prótons (¹H-ERM) na doença de Alzheimer (DA) e no comprometimento cognitivo sem demência (CIND) em uma amostra da comunidade. MÉTODO: Foram avaliados seis pacientes com DA, sete com CIND e sete controles normais, originários da comunidade. ¹H-ERM foi realizada com voxel de 8 cm³ nas regiões temporal direita, parietal esquerda e occipital medial e estudados os metabólitos: N-acetilaspartato (NAA), creatina (Cr), (mais) colina (Cho) e mio-inositol (mI). RESULTADOS: O NAA foi maior nos indivíduos controles do que nos DA e intermediário no CIND. Análise de função discriminante mostrou que as associações Cr parietal-Cr occipital e Cr parietal-Cho occipital identificaram corretamente 92,3% da amostra comparando Controle vs DA. Na comparação Controle vs CIND O mI temporal identificou corretamente 78,6% dos indivíduos. CONCLUSÃO: A espectroscopia pode contribuir para o diagnóstico e seguimento de indivíduos com comprometimento cognitivo; avaliações de pacientes da comunidade podem revelar achados diferentes quanto à distribuição dos metabólitos cerebrais. Resumo em inglês OBJECTIVE: To describe the proton magnetic resonance spectroscopy (¹H-ERM) data in Alzheimer's disease (AD) and Cognitive Impairment Not Dementia (CIND) in a community sample. METHOD: We investigated subjects with AD (n=6), CIND (n=7) and normal control (n=7). ¹H-ERM was performed with single voxel (8 cm³) placed in temporal, parietal e occipital regions and studied metabolites were: N-acetylaspartate (NAA), creatine (Cr), choline (Cho) and myo-inositol (mI). RESULTS: (mais) NAA concentration was higher in control subjects than AD and intermediated in CIND patients. Cho parietal plus occipital and Cr parietal plus Cho occipital classified correctly 92.3% of subjects Control vs AD. Temporal mI classified 78.6% of subjects between Control vs CIND. CONCLUSION: Spectroscopy can be used in the diagnosis and follow-up of individuals with cognitive impairment; evaluation of community subjects may show different patterns of brain metabolites distribution.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

37

Níveis comparativos de estresse oxidativo em camundongos em duas situações do limite orgânico: overreaching induzido por treinamento de natação e câncer/ Comparative oxidative stress levels in mice submitted to two situations of organic limit: overreaching induced by swimming training and cancer

Antunes Neto, Joaquim Maria Ferreira; Rivera, Rodrigo José Battibugli; Calvi, Régis Georgis; Raffa, Maryellen Fernandes; Donadon, Caio César; Pereira, Angélica Gomes; Melo, Patrícia da Silva
2008-12-01

Resumo em português O objetivo deste trabalho foi comparar concentrações de estresse oxidativo em camundongos da linhagem Balb-C submetidos a duas condições severas de alterações orgânicas: treinamento exaustivo de natação (overreaching - grupo OVER; n = 10) e inoculação por tumor ascítico de Ehrlich (grupo TAE; n = 10). A proposta foi analisar como as duas situações comprometiam o equilíbrio entre os sistemas oxidantes e antioxidantes. Foram investigados alguns marcadores de (mais) estresse oxidativo, tais como as substâncias reativas ao ácido tiobarbitúrico (TBARS) e concentrações da atividade da enzima antioxidante catalase (CAT) no hemolisado. Como marcadores de lesão celular, quantificaram-se concentrações plasmáticas das enzimas creatina quinase (CK) e aspartato transferase (AST); complementado; também se observaram padrões de alterações fisiológicas por meio da quantificação plasmática de creatinina e uréia. Como resultados mais importantes, pôde-se observar que, nas duas situações de limite orgânico, seja por exercício exaustivo (OVER) ou pela inoculação de TAE, houve queda abrupta na concentração da enzima CAT (decréscimos de 30%; p Resumo em inglês The aim of this study was to compare oxidative stress levels in mice (Balb-C) submitted to two severe organic conditions: exhaustive swimming training (overreaching - OVER group; n = 10) and inoculation of the Ehrlich's Ascitic Tumor (EAT group; n = 10). Lipid peroxidation, quantified by thiobarbituric acid reactive substances (TBARS), and levels of antioxidant enzyme (catalase- CAT) were used as indicators of oxidative stress. Muscle damage levels were measured through p (mais) lasma creatine kinase (CK), aspartate transaminase (AST) as well as blood creatinine and urea activities samples. As main results, it has been observed that in both situations, whether by exhaustive exercise (OVER) or inoculation of EAT, dramatic decrease in the catalase activity levels was present when compared with the training group (T) (30%; p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

38

Polimorfismos genéticos determinantes da performance física em atletas de elite/ Genetic polymorphisms determining of the physical performance in elite athletes

Dias, Rodrigo Gonçalves; Pereira, Alexandre da Costa; Negrão, Carlos Eduardo; Krieger, José Eduardo
2007-06-01

Resumo em português Este artigo direciona-se à revisão de publicações sobre os "genes candidatos" e sua relação com os fenótipos de performance física humana em atletas de elite. Nosso objetivo é trazer ao conhecimento do leitor informações atualizadas sobre marcadores e variantes genéticas que podem levar certos indivíduos a sobressair-se em modalidades esportivas específicas. Além disso, serão descritos os mecanismos pelos quais um gene pode contribuir para a performance f� (mais) �sica, detalhando em cada momento as propriedades celulares, fisiológicas e moleculares do sistema em questão. Por esse motivo, limitamos nossa discussão a um número pequeno de variantes genéticas: polimorfismos R577X do gene da alfa-actinina 3 (ACTN3), C34T do gene da AMP deaminase (AMPD1), I/D da enzima conversora de angiotensina (ECA), -9/+9 do receptor beta2 de bradicinina (BDKRB2) e 985+185/1170 do gene da enzima creatina quinase M (CK-M). Esperamos com este artigo informar e sensibilizar o leitor para o fato de que a identificação de talentos e a otimização do potencial individual do atleta, com conseqüente sucesso no esporte, estão diretamente associados a variantes genéticas. Resumo em inglês This article is focused on the review of studies looking for "candidate genes" and their relationship with physical performance phenotypes in elite athletes. Our goal is to bring to readers what makes some individuals excel in some sports modalities, based on variants in genetic loci and markers. In addition, we assume the necessity to describe by what mechanisms a gene can contribute in physical performance, detailing in each part the cellular, physiological and molecula (mais) r pathways involved. For this reason, we limited our discussion to a small number of genetic variants: polymorphisms R577X alpha-actinin 3 gene (ACTN3), C34T AMP deaminase gene (AMPD1), I/D angiotensin converting enzyme gene (ACE), -9/+9 beta2 bradykinin receptor gene (BDKRB2), and 985+185/ 1170 creatine kinase M gene (CK-M). We hope that this article bring some new information and refine the knowledge to the fact that the process of talent identification and an individual athletic potential maximization resulting in sport success are strongly associated with genetic variants.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

39

Hemograma e perfil bioquímico sérico, inclusive hemogasométrico, de bezerros infectados experimentalmente com Salmonella Dublin/ Blood cell counts and serum biochemical profile, including blood gas levels, in Salmonella Dublin-infected calves

Silva, D.G.; Silva, P.R.L.; Fagliari, J.J.
2010-04-01

Resumo em português O objetivo do estudo foi avaliar o hemograma e o perfil bioquímico sérico, inclusive hemogasométrico, de bezerros infectados experimentalmente com Salmonella Dublin. Foram utilizados 12 bezerros sadios da raça Holandesa com 10 a 15 dias de idade, distribuídos aleatoriamente em dois grupos experimentais: grupo-controle (n= 6) e grupo infectado com 10(8)UFC de Salmonella Dublin (n=6). Os bezerros foram submetidos ao exame físico diário, e as amostras de sangue foram (mais) coletadas minutos antes da inoculação (0h) e 24, 48, 72, 96, 120, 144 e 168h após a inoculação. Além do hemograma e das análises hemogasométricas, foram mensuradas as atividades séricas das enzimas aspartato aminotransferase (AST), fosfatase alcalina (ALP), creatina cinase (CK), gamaglutamiltransferase (GGT) e lactato desidrogenase (LDH), e os teores de albumina, bilirrubinas, cálcio total, cálcio ionizado, sódio, potássio, cloretos, creatinina, ferro, fibrinogênio, fósforo, glicose, magnésio, proteína totais e ureia. As principais alterações foram: redução das concentrações de albumina, ferro, glicose, magnésio e proteína total, aumento do teor de fibrinogênio, leucocitose e acidose metabólica e hiponatremia. Resumo em inglês The blood cell counts and biochemical profile, including blood gas levels, were evaluated, in Salmonella Dublin-infected calves. Twelve healthy 10 to 15-day old Holstein calves were randomly allotted into two groups: control (n=6) and group orally infected with 10(8) CFU Salmonella Dublin (n=6). The calves were submitted to physical examination and the blood samples were taken just before the inoculation (0h) and at 24, 48, 72, 96, 120, 144, and 168h later. Besides, blood (mais) cell counts, blood gas levels, and the serum concentrations of aspartate aminotransferase (AST), alkaline phosphatase (ALP), creatine kinase (CK), gammaglutamyltransferase (GGT), lactate desidrogenase (LDH), albumin, bilirubin, total calcium, ionic calcium, sodium, potassium, chlorides, creatinine, iron, fibrinogen, phosphorus, glucose, magnesium, total protein, and urea were measured. The main findings included decrease in albumin, iron, glucose, magnesium, and total protein concentrations, and increase in fibrinogen level, leukocytosis, metabolic acidosis, and hyponatremia.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

40

Relação entre excreção de creatinina e dieta, atividade física e volume urinário, em crianças de 5 -| 12 anos de idade/ Relationship between creatinine excretion, diet, physical activity and urinary volume in children 5 to 12 years of age

Martins, Ignez Salas
1975-09-01

Resumo em português Foi feito um estudo da excreção da creatinina e sua relação com a dieta, atividade física e volume urinário em indivíduos entre 5 -| 12 anos de idade, mantendo suas condições habituais de vida. A análise qualitativa da dieta mostrou que a possibilidade de ingestão de creatina e creatinina ocorreu na hora do almoço. No que se refere à atividade física, o período da manhã e o noturno foram de relativo repouso, concentrando-se as atividades físicas no perío (mais) do da tarde. Não houve diferença, estatisticamente, significante entre a excreção média de creatinina dos períodos da manhã e da tarde e também entre a excreção média dos períodos diurno e noturno, sugerindo, conseqüentemente, uma não relação entre dieta, atividade física e excreção de creatinina. Houve uma diferença estatisticamente significante entre o volume médio urinário do período diurno e o do período noturno, sugerindo com isso uma independência entre ele e a creatinina excretada. Encontrou-se, entretanto, uma correlação significante entre ambos que, possivelmente esteja ligada ao fato das amostras terem sido colhidas em épocas de frio intenso, em que os indivíduos ingerem pouco líquido, e conseqüentemente a urina estivesse com uma concentração elevada de seus diferentes constituintes. Resumo em inglês A study on the relationship between creatinine excretion and diet, physical activity and urinary volume was carried out on children from 5 to 12 years of age, observing usual life conditions. Qualitative analysis of diet revealed that possibly ingestion of creatine and creatinine ocurred with the noon meal. Regarding physical activity the data showed that the peak of activity occurred in the afternoon. The differences between average excretion of creatine corresponding to (mais) morning and afternoon periods were not statistically significant, the same being observed when diurnal and nocturnal averages of excretion were considered. On the other hand, the average volumes corresponding to diurnal and nocturnal periods revealed a significant difference, which suggests independence between creatinine excretion and urinary volume. However data show a positive significant correlation between creatinine excretion and urinary volume when individual results were considered.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

41

Relação entre excreção de creatinina e dieta, atividade física e volume urinário, em crianças de 5 -| 12 anos de idade/ Relationship between creatinine excretion, diet, physical activity and urinary volume in children 5 to 12 years of age

Martins, Ignez Salas
1975-09-01

Resumo em português Foi feito um estudo da excreção da creatinina e sua relação com a dieta, atividade física e volume urinário em indivíduos entre 5 -| 12 anos de idade, mantendo suas condições habituais de vida. A análise qualitativa da dieta mostrou que a possibilidade de ingestão de creatina e creatinina ocorreu na hora do almoço. No que se refere à atividade física, o período da manhã e o noturno foram de relativo repouso, concentrando-se as atividades físicas no perío (mais) do da tarde. Não houve diferença, estatisticamente, significante entre a excreção média de creatinina dos períodos da manhã e da tarde e também entre a excreção média dos períodos diurno e noturno, sugerindo, conseqüentemente, uma não relação entre dieta, atividade física e excreção de creatinina. Houve uma diferença estatisticamente significante entre o volume médio urinário do período diurno e o do período noturno, sugerindo com isso uma independência entre ele e a creatinina excretada. Encontrou-se, entretanto, uma correlação significante entre ambos que, possivelmente esteja ligada ao fato das amostras terem sido colhidas em épocas de frio intenso, em que os indivíduos ingerem pouco líquido, e conseqüentemente a urina estivesse com uma concentração elevada de seus diferentes constituintes. Resumo em inglês A study on the relationship between creatinine excretion and diet, physical activity and urinary volume was carried out on children from 5 to 12 years of age, observing usual life conditions. Qualitative analysis of diet revealed that possibly ingestion of creatine and creatinine ocurred with the noon meal. Regarding physical activity the data showed that the peak of activity occurred in the afternoon. The differences between average excretion of creatine corresponding to (mais) morning and afternoon periods were not statistically significant, the same being observed when diurnal and nocturnal averages of excretion were considered. On the other hand, the average volumes corresponding to diurnal and nocturnal periods revealed a significant difference, which suggests independence between creatinine excretion and urinary volume. However data show a positive significant correlation between creatinine excretion and urinary volume when individual results were considered.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

42

Dietas vegetarianas e desempenho esportivo/ Vegetarian diets and sports performance

Ferreira, Lucas Guimarães; Burini, Roberto Carlos; Maia, Adriano Fortes
2006-08-01

Resumo em português As evidências atuais apontam benefícios da dieta vegetariana para a saúde humana. Contudo, a partir da adoção de práticas vegetarianas mais restritivas, confirmam-se os riscos à saúde. As dietas vegetarianas são caracterizadas pelo elevado consumo de carboidratos, fibras, magnésio, potássio, folato e antioxidantes, podendo apresentar deficiências em aminoácidos e ácidos graxos essenciais, cálcio, zinco, ferro e cobalamina. Pesquisas experimentais em humanos (mais) indicam que vegetarianos e não-vegetarianos apresentam capacidade aeróbica semelhante. Em relação ao desempenho em atividades de força e potência muscular, as pesquisas são escassas, mas as existentes não apontam diferenças significativas. Situações de risco cardiovascular têm sido confirmadas, devido ao provável quadro de hiperhomocisteinemia, em decorrência da baixa ingestão de cobalamina. As dietas vegetarianas são isentas de creatina, o que resulta em estoques musculares mais baixos nessa população. Possivelmente ocorrem alterações hormonais e metabólicas em resposta às dietas vegetarianas, como baixos níveis de testosterona e androstenediona. A função imune parece não ser prejudicada. Dessa forma, a prática de dietas vegetarianas apresenta-se compatível com a prática esportiva cotidiana, desde que bem planejada para evitar deficiências nutricionais. Resumo em inglês Current evidences show benefits of a vegetarian diet for human health. However, when a stricter vegetarian diet is adopted, health risks are confirmed. Vegetarian diets are characterized by a high intake of carbohydrates, fibers, magnesium, potassium, folate and antioxidants and may result in a low intake of amino acids, essential fatty acids, calcium, zinc, iron and cobalamin. Experimental human researches indicate that both vegetarians and non-vegetarians present simila (mais) r aerobic capacity. Regarding muscular strength and power, researches are scarce but the existent ones do not report significant differences. Cardiovascular risk situations have been confirmed, due to the possible hyperhomocysteinemia given the low ingestion of cobalamin. Vegetarian diets do not contain creatine, resulting in lower muscle reserves of this nutrient among this population. Hormonal and metabolic changes are a possibility in response to vegetarian diets, as well as low levels of testosterone and androstenedione. The immune function does not seem to be affected. Thus, a vegetarian diet is compatible with daily exercising as long as it is well planned in order to avoid nutritional deficiencies.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

43

Estimulação elétrica neuromuscular em cães com atrofia muscular induzida/ Neuromuscular electric stimulation in dogs with induced muscle atrophy

Pelizzari, C.; Mazzanti, A.; Raiser, A.G.; Lopes, S.T.A.; Graça, D.L.; Ramos, A.T.; Salbego, F.Z.; Festugatto, R.; Beckmann, D.V.; Souza, L.B.; Cunha, M.G.M.C.M.; Santos, R.P.; Garmatz, B.; Silva, A.P.; Sturza, D.A.F.
2008-02-01

Resumo em português Empregou-se a estimulação elétrica neuromuscular (EENM) de baixa freqüência no músculo quadríceps femoral de cães com atrofia induzida e avaliou-se a ocorrência de ganho de massa nessa musculatura. Foram utilizados oito cães com pesos entre 15 e 30kg, distribuídos aleatoriamente em dois grupos denominados de I ou controle e II ou tratado. A articulação femorotibiopatelar esquerda foi imobilizada por 30 dias pelo método de transfixação percutânea tipo II, (mais) com retirada de aparelho de imobilização após esse período. Decorridas 48 horas da remoção, foi realizada a EENM nos cães do grupo II, cinco vezes por semana, com intervalo de 24 horas cada sessão, pelo período de 60 dias. Foram avaliadas a circunferência da coxa, a goniometria do joelho, a análise clínica da marcha, as enzimas creatina-quinase (CK) e aspartato-amino-transferase (AST) e a morfometria das fibras musculares em cortes transversais do músculo vasto lateral colhido mediante biópsia muscular. A EENM foi empregada no músculo quadríceps femoral na freqüência de 50Hz, duração de pulso de 300 milisegundos e relação de tempo on/off de 1:2. Quanto à morfometria das fibras do músculo vasto lateral, no grupo tratado houve aumento significativo (P Resumo em inglês Low frequency neuromuscular electrical stimulation (NMES) was used on the femoral quadriceps of dogs with induced muscular atrophy and the occurrence of gain in mass in these muscles was evaluated. Eight dogs from 15 to 30kg were randomly distributed in two groups named I, or control; and II, or treated. For the induction of muscular atrophy, the left femoral-tibial-patellar joint was immobilized for 30 days by percutaneous transfixation type II. After 30 days, the immobi (mais) lization device was removed. The NMES treatment began 48 hours after the removal of the immobilization device of the dogs of group II, and it was carried out five times per week with an interval of 24 hours between each session, for 60 days. The following parameters were measured: thigh circumference, goniometry of the knee, clinical gait analysis, creatine kinase (CK) and aspartate aminotransferase (AST) enzymes, and morphometry of the muscular fibers in transversal cuts of the vastus lateralis muscle collected through muscular biopsy. The NMES was applied on the femoral quadriceps at a frequency of 50 Hz, with pulse duration of 300 milliseconds, and the on/off time was at a proportion of 1:2. Regarding the morphometry of the vastus lateralis fibers, a significant increase (P

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

44

Parâmetros bioquímicos para avaliação da função hepática em bezerras sadias, da raça holandesa, no primeiro mês de vida/ Biochemical parameters to evaluate liver function of healthy female holstein calves during the first month of live

Benesi, Fernando José; Leal, Marta Lizandra do Rêgo; Lisbôa, Júlio Augusto Naylor; Coelho, Clarisse Simões; Mirandola, Regina Mieko Sakata
2003-04-01

Resumo em português Para o estabelecimento de valores bioquímicos de referência utilizados para avaliar a função hepática de bezerras sadias, da raça Holandesa, utilizaram-se amostras de soro sangüíneo de 300 animais, distribuídos por 15 grupos experimentais, de acordo com a idade, no primeiro mês de vida. Os constituintes bioquímicos estudados foram as bilirrubinas (total ,conjugada e livre) e as enzimas gama glutamiltransferase (GGT), aspartato aminotransferase (AST) e creatina (mais) quinase (CK). Considerou-se na análise dos resultados a influência do fator etário. As taxas séricas das bilirrubinas demonstraram maiores valores no primeiro dia de vida (BT-1,360mg/dl; BC-0,150mg/dl e BL-1,175mg/dl), apresentando a seguir diminuições significativas até os trinta dias de vida (BT-0,350mg/dl; BC-0,050mg/dl e BL-0,300mg/dl). A atividade sérica da GGT foi máxima entre 16 e 24 horas de idade (945,00UI/L), sendo seguida por diminuições dos valores, de forma significativa a partir do 11º dia de vida (86,00UI/), atingindo valores descritos para animais adultos aos 30 dias de idade (24,00UI/). As enzimas AST e CK apresentaram taxas máximas no primeiro dia de vida (AST- 27,50UI/L e CK- 73,00UI/L), seguidas por diminuições e pequenas oscilações até o final do período analisado (AST- 19,00UI/L e CK-41,50UI/L). A influência do fator etário provou-se significativa para todos os constituintes bioquímicos estudados. Resumo em inglês Three hundred healthy female Holstein calves were used for assess the liver function throughout the first month of life. The following serum biochemical variables were analysed: bilirrubin (total, direct and indirect) and the activities of gamma glutamyltransferase (GGT), aspartate aminotransferase (AST) and creatine kinase (CK). The influence of age on the biochemical values was also studied. The bilirrubin values had highest levels on the 1st d of life (BT-1.360mg/dl; B (mais) C-0.150mg/dl e BL-1.175mg/dl) and then showed a continuing decrease until the 30th d of life (BT-0.350mg/dl; BC-0.050mg/dl e BL-0.300mg/dl). The serum GGT activities were at they highest point between the 16th to 24th h (945.00UI/L). There was a downward trend from the 11th d (86.00UI/), presenting the lowest activity at the 30th d (24.00UI/) similar to the activities usually found in healthy adult dairy cattle. The activities of AST and CK were higher at the 1st d of life (AST- 27.50UI/L e CK- 73.00UI/L) declining from then on (AST- 19.00UI/L e CK-41.50UI/L). Ageing showed a significant influence on all the biochemical variables studied.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

45

Aspectos atuais sobre estresse oxidativo, exercícios físicos e suplementação/ Current aspects about oxidative stress, physical exercise and supplementation

Cruzat, Vinicius Fernandes; Rogero, Marcelo Macedo; Borges, Maria Carolina; Tirapegui, Julio
2007-10-01

Resumo em português As espécies reativas de oxigênio (ERO) são normalmente produzidas pelo metabolismo corporal. Todavia, ERO apresentam a capacidade de retirar elétrons de outros compostos celulares, sendo capazes de provocar lesões oxidativas em várias moléculas, fato que leva à perda total da função celular. A realização de exercícios físicos aumenta a síntese de ERO, além de promover lesão muscular e inflamação. Após uma sessão de exercícios físicos, inicia-se norm (mais) almente a fase de recuperação, quando são observados diversos efeitos positivos à saúde, incluindo o aumento da resistência a novas lesões induzidas ou não por exercícios, fato que é considerado como um processo "adaptativo". Diversos estudos, porém, relatam que essa recuperação não é alcançada por indivíduos que se submetem a exercícios intensos e prolongados, ou, ainda, que possuem elevada freqüência de treinamento. Alternativas nutricionais têm sido muito estudadas, a fim de reduzir os efeitos promovidos pelo exercício extenuante, dentre as quais está a suplementação com vitamina E, vitamina C, creatina e glutamina. Esta revisão tem como objetivo abordar os aspectos atuais envolvendo a formação das ERO, os processos de lesão celular e inflamação, a adaptação aos tipos de exercício aeróbio e anaeróbio e possíveis intervenções nutricionais. Resumo em inglês Oxygen reactive species (ORE) are usually produced by the body metabolism. However, ORE present the ability to remove electrons from other cellular composites, being able to cause oxidative injuries in several molecules. Such fact leads to a total loss of cellular function. Physical exercise practice increases ORE synthesis, besides promoting muscular injury and inflammation. After a physical exercise set, the recovery phase begins, where several effects positive to healt (mais) h are observed, including increase in resistance to new injuries induced or not by exercise, a fact which is considered an 'adaptation' process. Many studies though, have reported that this recovery is not reached by individuals who are submitted to intense and extended exercises, or even, who have high training frequency. Nutritional alternatives have been widely studied, in order to reduce the effects promoted by extenuating exercise, among which vitamin E, vitamin C, creatine and glutamine supplementation is included. This review has the aim to approach the current aspects concerning the ORE formation, the cellular injury and inflammation processes, the adaptation to the kinds of aerobic and anaerobic exercise, besides possible nutritional interventions.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

46

Espectroscopia cerebral em candidatos a transplante hepático/ Cerebral magnetic resonance spectroscopy in patients with hepatic encephalopathy: analysis before and after liver transplantation

Schulz, Gustavo Justo; Coelho, Julio Cézar Uili; Matias, Jorge Eduardo Fouto; Campos, Antônio Carlos Ligocki; Schulz, Danielle Duck; Bertoldi, Guilherme Augusto
2009-01-01

Resumo em português OBJETIVOS: Determinar os níveis dos metabólitos (mio-inositol [MI], colina [Cho], glutamina [Glx], creatina [Cr] e N-acetilaspartato [NAA]) por meio da espectroscopia por ressonância magnética em portadores de hepatopatia crônica, antes e após o transplante hepático, correlacionando com a avaliação clínica. MÉTODOS: Foram estudados prospectivamente 25 pacientes portadores de hepatopatia crônica do Serviço de Transplante Hepático da Universidade Federal do Pa (mais) raná por meio de avaliação clínica e espectroscópica. Trinta voluntários sadios formaram o grupo controle, sendo submetidos às mesmas avaliações. Dezesseis dos 25 pacientes também foram avaliados após o transplante. RESULTADOS: Antes do transplante hepático reduções significativas nos índices de MI/Cr e Cho/Cr e aumento significativo no índice de Glx/Cr foram observadas nos pacientes portadores de encefalopatia hepática comparados ao grupo controle. Os critérios quantitativos de Ross para diagnóstico espectroscópico da encefalopatia hepática (MI/Cr e Cho/Cr Resumo em inglês OBJECTIVES: To determine the metabolite levels (myo-inositol [MI], choline [Cho], glutamate [Glx], creatine [Cr] and N-acetylaspartate [NAA]) visible on magnetic resonance spectroscopy in patients with chronic hepatic failure, before and after liver transplantation and to correlate these data with results of neuropsychiatric tests and clinical findings. METHODS: Twenty five patients with chronic hepatic failure from the Liver Transplantation Unit of the Federal University (mais) of Parana were prospectively studied. Patients were submitted to clinical evaluation and magnetic resonance spectroscopy. Thirty healthy volunteers also submitted to the same evaluations. Sixteen of the 25 patients were evaluated after liver transplantation. RESULTS: Before liver transplantation, significant reductions in MI/Cr and Cho/Cr and a significant increase in Glx/Cr were observed in patients with hepatic encephalopathy compared with healthy subjects. The Ross's criteria for spectroscopic diagnosis of the hepatic encephalopathy (MI/Cr and Cho/Cr lower than 2 SD of controls) demonstrated a sensitivity of 61.54%, specificity of 91.67% and accuracy of 76%, further Cho/Cr was the best parameter. Spectroscopy after liver transplantation showed changes in the metabolite ratios compared with the pretransplantation status. CONCLUSION: Magnetic resonance spectroscopy permits an accurate diagnosis of hepatic encephalopathy. Improvement of metabolic ratios after liver transplantation suggests an important role of MI and Cho in the development of hepatic encephalopathy.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

47

Padronização de um protocolo experimental de treinamento periodizado em natação utilizando ratos Wistar/ Standardization of an experimental periodized training protocol in swimming rats

Araujo, Gustavo Gomes de; Papoti, Marcelo; Manchado-Gobatto, Fúlvia de Barros; Mello, Maria Alice Rostom de; Gobatto, Claudio Alexandre
2010-02-01

Resumo em português Verificar os efeitos de 12 semanas de treinamento periodizado de natação em ratos sobre os valores de glicogênio muscular (GM) e hepático (GH), capacidade aeróbia (LAn) e anaeróbia (Tlim) e creatina quinase (CK). Foram utilizados 70 ratos da linhagem Wistar com 60 dias, adaptados individualmente ao meio líquido por duas semanas. Os animais foram divididos em grupos: controle (GC, n = 40) e periodizado (GP, n = 30); a intensidade do treinamento foi equivalente ao pe (mais) so corporal do animal (% do PC). O treinamento (T) para o GP foi dividido em períodos preparatório básico (PPB, seis semanas), específico (PPE, 4,5 semanas) e polimento (PP, 1,5 semana), tendo como estímulos intensidades leve (4% do PC), moderada (5% do PC), pesada (6% do PC) e intensa (13% do PC). Vinte e quatro horas após a adaptação, 10 ratos do GC foram sacrificados e avaliados pelo teste de lactato mínimo para mensuração dos valores de linha de base de GM, GH, CK, LAn e Tlim. Os dez animais restantes do GC e GP foram sacrificados ao final de cada período de T. O treinamento periodizado aumentou a concentração de glicogênio muscular ao final do período de polimento. O glicogênio hepático não se alterou no GC, porém no GP houve redução significativa no início do período específico com elevação no período de polimento. A concentração de CK não se modificou ao final dos PPB, PPE e PP. O LAn reduziu ao longo do período experimental no GC, mas ao final do PP para o GP, o LAn atingiu os mesmos valores do início do treinamento. O Tlim aumentou no PP. Desse modo, pode-se concluir que o treinamento periodizado provocou supercompensação energética ao final da periodização. A capacidade anaeróbia aumentou no PP bem como o LAn, que obteve maiores valores em relação ao GC nesse período. Resumo em inglês The objective of this study was to verify the swimming training periodization responses on aerobic and anaerobic performance, glycogen concentration in muscle (M) and liver (L), and creatine kinase (CK) in rats. Seventy male Wistar rats were randomly separated in two groups: Control Group (CG n = 30) and Training Periodization Group (TPG n = 30). All experiments were preceded by 2 weeks of individual adaptation to the water. The TPG was carried out during a period of 12 w (mais) eeks (w) with frequency of 6 days/w. The training period was subdivided in three specialized series blocks: Preparation (6 w), Specific (4.5 w) and Taper (1.5 w). The Lactate Minimun Test (LACm) was adapted to determine the aerobic capacity. Anaerobic performance was evaluated by maximal exhaustion time (Tlim) verified during hyperlactatemia induction phase in the LACm protocol. Training stimulus was based on intensities corresponding to the LACm: Endurance (END) 1 = 80%; END2= 100%; END3= 120% and Anaerobic (ANA) 240% of the LACm. Two-way Anova and Newman-Keuls post-hoc test (P

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

48

Bioensaio rápido de determinação da sensibilidade da acetolactato sintase (ALS) a herbicidas inibidores/ Rapid bioassay to determine the sensitivity of acetolactate synthase (ALS) to inhibitor herbicides

Monqueiro, Patrícia Andrea; Christoffoleti, Pedro Jacob
2001-03-01

Resumo em português Foi avaliada a atividade da acetolactato sintase (ALS), em plantas resistentes e suscetíveis de B. pilosa e A. quitensis após a aplicação de herbicidas inibidores da ALS. O método baseia-se na utilização do ácido ciclopropanodicarboxílico (CPCA) para inibir a cetoácido reductoisomerase (KARI), enzima que catalisa a reação seguinte do acetolactato na cadeia de biossíntese dos aminoácidos valina, leucina e isoleucina, provocando assim, o acúmulo de acetolacta (mais) to, que na presença de um ácido forte forma acetoína. A base para a distinção entre os biotipos resistentes e suscetíveis é a quantidade de acetoína formada, que será maior nos biotipos em que a enzima ALS não sofreu inibição, ou seja, nos biotipos resistentes. A quantificação da acetoína acumulada ocorreu através da formação de um complexo colorido vermelho, devido a reação entre acetoína, creatina e naftol, cuja densidade ótica a 530 nm é proporcional à concentração do acetolactato formado na reação. Sendo assim, foi desenvolvido um ensaio utilizando este método após a aplicação dos herbicidas chlorimuron-ethyl e imazethapyr nos biotipos R e S de Bidens pilosa, Amaranthus quitensis no estádio de dois pares de folhas. O bioensaio demonstrou que a enzima ALS dos biotipos resistentes é insensível aos herbicidas inibidores da ALS e que este tipo de bioensaio é uma forma rápida e eficaz de diferenciação entre biotipos resistentes e suscetíveis. Resumo em inglês In order to compare the acetolactate synthase (ALS) activity of resistant and susceptible biotypes of Bidens pilosa and Amaranthus quitensis to ALS inhibitor herbicides, a method based on ciclopronocarboxilic acid (CPCA) to inhibit the enzyme ketoacidredutoisomerase (KARI) is used. This enzyme catalyzes the reaction after acetolactate in the biosynthesis reaction chain of the aminoacids valine, leucine and isoleucine. In the presence of a KARI inhibitor, carbon from pyruv (mais) ate flows through the branched chain aminoacid biosynthetic pathway and accumulates in acetolactate, which in the presence of sulfuric acid can be converted to acetoin. The base to distinguish between the resistant and susceptible biotypes is the amount of acetoin formed, which will be much higher in the biotype where the ALS was not inhibited by the herbicide. If acetoin is mixed with naphtol and creatine the solution will develop a reddish color, so that it is possible to quantify indirectly the sensitivity of the ALS to the herbicide by the color of the solution formed. An experiment was carried out with suspected resistant biotypes of Bidens pilosa and Amaranthus quitensis using this method after spraying the plants at the two pair leaf stage with chlorimuron-ethyl and imazethapyr. The ALS of the resistant biotype has insensitivity to ALS inhibitor herbicides.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

49

Estimulação elétrica neuromuscular de média freqüência (russa) em cães com atrofia muscular induzida/ Medium frequency neuromuscular electrical stimulation (russian) in dogs with induced muscle atrophy

Pelizzari, Charles; Mazzanti, Alexandre; Raiser, Alceu Gaspar; Lopes, Sonia Terezinha dos Anjos; Graça, Dominguita Lühers; Salbego, Fabiano Zaninni; Ramos, Adriano Tony; Festugatto, Rafael; Beckmann, Diego Vilibaldo; Cunha, Marina Mori da; Santos, Rosmarini Passos dos; Cargnelutti, Juliana Filipeto; Pereira, Desydere Trindade; Martins, Tessie Beck
2008-06-01

Resumo em português A estimulação elétrica neuromuscular (EENM) de média freqüência (Russa) ou de Kotz pode ser empregada para a recuperação de massa muscular em animais apresentando atrofia muscular por desuso. Assim, o objetivo deste trabalho foi empregar a EENM de média freqüência no quadríceps femoral de cães com atrofia muscular induzida, avaliando-se a ocorrência de ganho de massa. Foram utilizados oito cães em dois grupos denominados de GI ou controle e de GII ou tratad (mais) o. Para a indução da atrofia muscular, a articulação fêmoro-tíbio-patelar esquerda foi imobilizada por 30 dias. Após 48 horas da remoção, foi realizada a EENM nos cães do grupo II, três vezes por semana, com intervalo de 48 horas cada sessão, pelo período de 60 dias. Foram avaliadas a mensuração da perimetria da coxa, da goniometria do joelho, as enzimas creatina-quinase (CK) e morfometria das fibras musculares em cortes transversais do músculo vasto lateral, colhido mediante a biópsia muscular. A EENM foi empregada no músculo quadríceps femoral numa freqüência de 2.500Hz, largura de pulso de 50% e relação de tempo on/off de 1:2. Não houve diferença significativa quanto aos valores de perimetria da coxa e a atividade da enzima CK entre os grupos I e II. Na goniometria, houve diminuição significativa (P Resumo em inglês The medium frequency neuromuscular electrical stimulation (NMES) (Russa) or Kotz is designed for recuperation of muscle mass in dogs with muscular atrophy in disuse. This study aims to utilize medium frequency NMES on the femoral quadriceps of dogs with induced muscular atrophy and evaluate the occurrence of gain in mass. Eight dogs in two groups denominated GI, or control, and GII, or treated were used. For the induction of muscular atrophy, the left femoral-tibial-patel (mais) lar joint was immobilized for 30 days. NMES treatment began 48 hours after the removal of the immobilization device on dogs from group II and was carried out three times per week, with an interval of 48 hours between each session, during 60 days. The following parameters were measured: thigh perimeter, goniometry of the knee, creatine kinase (CK) enzymes and morphometry of the muscular fibers in transversal cuts of the vastus lateralis muscle, collected through a muscular biopsy. EENM was utilized on the femoral quadriceps at a frequency of 2500 Hz, with pulse duration of 50%, and the time on/off was at a proportion of 1:2. There was no significant difference between the thigh perimeter and the activity of enzyme CK between groups I and II. As for the goniometry a significant increase (P

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

50

Influência da aplicação de um programa de estiramentos estáticos, após contracções excêntricas, nas manifestações clínicas e bioquímicas de lesão muscular esquelética/ Effects of a static stretching program on clinical and biochemical markers of muscle damage induced by eccentric exercise

Torres, R.; Carvalho, P.; Duarte, J.A.
2005-09-01

Resumo em português Este estudo teve como objectivos determinar se o estiramento estático do músculo quadriceps, (i) por si só, induz agressão no músculo íntegro, e se (ii) efectuado após o exercício físico agrava as manifestações clínicas e bioquímicas da agressão muscular. Vinte e sete sujeitos jovens do sexo masculino, sedentários, foram divididos por 3 grupos e submetidos: Grupo 1 - a um programa de estiramentos estáticos; Grupo 2 - a um programa de contracções excêntr (mais) icas; e Grupo 3 - a um programa de contracções excêntricas (idêntico ao Grupo 2) seguido por um programa de estiramentos (idêntico ao Grupo 1). Foram avaliados parâmetros clínicos e bioquímicos imediatamente antes do exercício e 1, 24, 48, 72, 96 horas após. A avaliação clínica compreendeu a quantificação da dor à palpação, da circunferência da coxa, do Peak Torque Excêntrico Máximo. A avaliação bioquímica compreendeu a quantificação da actividade plasmática da Creatina Kinase e da Transaminase Glutâmica Oxaloacética. Não foram observadas alterações clínicas ou bioquímicas, ao longo do tempo, no grupo submetido unicamente ao programa de estiramento; observou-se, ainda, que as manifestações de lesão muscular foram idênticas para o grupo 2 e grupo 3. Em conclusão, o estiramento estático, por si só, não parece induzir agressão muscular esquelética no quadriceps íntegro e, quando realizado neste músculo após a agressão pelo exercício excêntrico, não parece agravar as manifestações clínicas e bioquímicas da miopatia do exercício. Resumo em inglês The aims of this study were to determine if the quadriceps static stretching, (i) alone, induces aggression in the integral muscle, and if (ii) done after physical exercise, intensifies the muscular aggression clinical and biochemical manifestations. Twenty-seven young sedentary male subjects were divided in three groups. A protocol of static stretching was applied to group 1; a protocol of eccentric contractions was applied to group 2, while group 3 followed a protocol c (mais) onsisting of eccentric contractions (similar to the one performed by group 2) and stretching (identical to group 1). Clinical and biochemical parameters were evaluated immediately before and 1, 24, 48, 72 and 96 hours after exercise. The clinical evaluation included the quantification of pain induced by palpation, thigh girth, and Eccentric Maximal Peak Torque determination. The biochemical evaluation consisted on the quantification of plasmatic kinase creatine and oxaloacetic glutamic transaminase activities. No clinical or biochemical alterations were observed during the time in the group that only followed the stretching protocol. The muscular damage was identical in group 2 and group 3. Concluding, static stretching by itself does not seem to induce a skeletal muscular aggression in an integral quadriceps. When applied in this muscle after the aggression caused by eccentric exercise, it does not seem to intensify exercise miopathy clinical and biochemical manifestations.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

51

Intoxicação experimental por monensina em eqüinos/ Experimental monensin poisoning in horses

Bezerra Jr, Pedro Soares; Ilha, Marcia Regina Silva; Langohr, Ingeborg Maria; Barros, Claudio S.L.
2000-09-01

Resumo em português Sete eqüinos foram tratados experimentalmente com monensina sódica. Dois desses animais receberem 3-4 kg/eqüino/dia de uma ração comercial sabidamente implicada em surtos naturais da intoxicação por monensina em eqüinos e que continha 180 ppm±20 da droga. Um eqüino recebeu uma única dose de 5 mg/kg e um outro recebeu 4 doses diárias de 1 mg/kg de monensina sódica originária de um premix. Esses quatro eqüinos morreram ou foram sacrificados in extremis, 3-8 d (mais) ias após o início da administração da droga. Um quinto eqüino recebeu dose única de 5 mg/kg de monensina, ficou levemente doente e se recuperou. Dois eqüinos não desenvolveram sinais da intoxicação. Um desses eqüinos tinha recebido 40 doses diárias de 0,5 mg/kg de monensina e o outro recebeu 3 kg/dia de uma ração da mesma marca que a usada nas fazendas onde surtos de intoxicação por monensina foram detectados (mas de uma outra partida, mais tarde determinada como contendo menos de 5 ppm de monensina). O aparecimento dos sinais clínicos ocorreu de 2 a 5 dias após a administração da droga e a duração do quadro clínico variou de 24 a 76 horas. Os sinais clínicos incluíam taquicardia, arritmia, gemidos, incoordenação, sudorese, decúbito esternal, decúbito lateral, pedaleios e morte. Em cinco dos eqüinos intoxicados observaram-se marcadas elevações da atividade plasmática de creatina fosfoquinase e, em um eqüino, houve leve aumento da atividade plasmática de aspartato aminotransferase. Os principais achados de necropsia consistiram em áreas brancas ou amarelas, focais ou focalmente extensas e bilateralmente simétricas nos músculos esqueléticos. Essas lesões eram associadas a edema gelatinoso e translúcido das fáscias intermusculares. Quadríceps femoral, adutor, pectíneo, grácil, semi-membranáceo, supra-espinhal, subescapular, braquicefálico e quadríceps femoral estavam entre os músculos esqueléticos mais afetados. Os exames histológicos revelaram miopatia segmentar, multifocal a coalescente. Em dois eqüinos que receberam o premix de monensina [5 mg/kg (dose única) e 4 mg/kg (quatro doses diárias de 1 mg/kg)] não se observaram lesões macroscópicas ou microscópicas. Em nenhum dos dois eqüinos se observaram lesões macro ou microscópicas no miocárdio. Resumo em inglês Seven horses were experimentally treated with sodium monensin. Two of them were fed 3-4 kg/horse/day with a commercial ration (containing 180 ppm±20) known to be implicated in natural outbreaks of monensin poisoning in horses. A third horse was fed a single dose of 5 mg/kg and another one received four daily doses of 1 mg/kg of sodium monensin (from a premix source). These four horses died or were euthanitised in extremis 3-8 days after the beginning of administration of (mais) the drug. A fifth horse was fed a single dose of 5 mg/kg of monensin, became mildly ill but recovered. Two experimental horses did not develop signs of the toxicosis. One of them was fed 40 daily doses of 0.5 mg/kg of monensin. The other was fed 3 kg/day of the same brand of ration used in farms where outbreaks of monensin poisoning in horses have been reported (but from another batch later determined to have monensin levels of only

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

52

Novas terapias ergogênicas no tratamento da doença pulmonar obstrutiva crônica/ New treatments for chronic obstructive pulmonary disease using ergogenic aids

Villaça, Debora Strose; Lerario, Maria Cristina; Dal Corso, Simone; Neder, José Alberto
2006-02-01

Resumo em português A doença pulmonar obstrutiva crônica é considerada, atualmente, uma doença sistêmica, cujas alterações estruturais e metabólicas podem levar à disfunção muscular esquelética. Esta afeta negativamente o desempenho muscular respiratório e periférico, a capacidade funcional, a qualidade de vida relacionada à saúde e mesmo a sobrevida. A indicação de suplementação de substâncias ergogênicas para pacientes com doença pulmonar obstrutiva crônica baseia-s (mais) e no fato de que estas drogas podem evitar, ou minimizar, o catabolismo e/ou estimular a síntese protéica, diminuindo a depleção de massa muscular e aumentando a capacidade de exercício. A presente revisão sumariza o conhecimento disponível acerca da utilização de esteróides anabolizantes, creatina, L-carnitina, aminoácidos de cadeia ramificada e hormônio de crescimento em pacientes com doença pulmonar obstrutiva crônica. A vantagem do uso dessas substâncias ergogênicas parece residir no aumento da massa magra e/ou na indução de modificações bioenergéticas. Nesse contexto, a maior experiência acumulada é com os esteróides anabolizantes. Entretanto, os benefícios clínicos em relação à melhora da capacidade de exercício e força muscular, bem como os efeitos na morbimortalidade, não foram, até a presente data, consistentemente demonstrados. A suplementação ergogênica pode vir a se constituir numa ferramenta adjuvante para o tratamento de pacientes com doença pulmonar obstrutiva crônica avançada, especialmente naqueles com depleção muscular e/ou fraqueza periférica. Resumo em inglês Chronic obstructive pulmonary disease is currently considered a systemic disease, presenting structural and metabolic alterations that can lead to skeletal muscle dysfunction. This negatively affects the performance of respiratory and peripheral muscles, functional capacity, health-related quality of life and even survival. The decision to prescribe ergogenic aids for patients with chronic obstructive pulmonary disease is based on the fact that these drugs can avert or mi (mais) nimize catabolism and stimulate protein synthesis, thereby reducing the loss of muscle mass and increasing exercise tolerance. This review summarizes the available data regarding the use of anabolic steroids, creatine, L-carnitine, branched-chain amino acids and growth hormones in patients with chronic obstructive pulmonary disease. The advantage of using these ergogenic aids appears to lie in increasing lean muscle mass and inducing bioenergetic modifications. Within this context, most of the data collected deals with anabolic steroids. However, to date, the clinical benefits in terms of increased exercise tolerance and muscle strength, as well as in terms of the effect on morbidity and mortality, have not been consistently demonstrated. Dietary supplementation with substances of ergogenic potential might prove to be a valid adjuvant therapy for treating patients with advanced chronic obstructive pulmonary disease, especially those presenting loss of muscle mass or peripheral muscle weakness.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

53

Uso de suplementos alimentares por adolescentes/ Dietary supplement use by adolescents

Alves, Crésio; Lima, Renata Villas Boas
2009-08-01

Resumo em português OBJETIVO: Revisar crititcamente o uso, benefícios e efeitos adversos dos principais suplementos alimentares utilizados por adolescentes. FONTES DOS DADOS: A pesquisa bibliográfica, realizada nos últimos 10 anos, utilizou os bancos de dados MEDLINE e LILACS. Foram examinados 377 artigos, sendo selecionados 52. SÍNTESE DOS DADOS: O consumo de suplementos dietéticos é amplamente difundido entre adolescentes. Tal fato é constatado, com frequência, nos consultórios de (mais) pediatria e hebeatria. Na maioria das vezes ele ocorre sem uma necessidade específica, sendo motivado pela busca do corpo ideal. Outros motivos para essa suplementação são: compensar dieta inadequada, aumentar imunidade, prevenir doenças, melhorar o desempenho competitivo e superar os próprios limites. Os suplementos alimentares mais utilizados e discutidos nesse artigo e para os quais existem poucas evidências de um efeito benéfico de sua utilização por adolescentes saudáveis são: proteínas, aminoácidos, betahidroxibetametilbutirato, microelementos, carnitina, creatina, vitaminas, cafeína e bicarbonato. CONCLUSÃO: O uso irrestrito de suplementos dietéticos deve ser desaconselhado, uma vez que expõe o adolescente a vários efeitos adversos, além da falta de evidência de que tal prática levará a melhora no desempenho. Uma nutrição balanceada, com aquisição da energia e dos nutrientes necessários é geralmente suficiente para boa performance nas atividades físicas. A reposição com suplementos dietéticos deve ser reservada para atletas competitivos que não consomem uma dieta balanceada, após a comprovação de alguma deficiência específica. Resumo em inglês OBJECTIVE: To review the use, benefits and adverse effects of the main dietary supplements consumed by adolescents. SOURCES: The literature review was performed using MEDLINE and LILACS databases (1997-2008). We analyzed 377 articles, and 52 of them were selected as references. SUMMARY OF THE FINDINGS: Consumption of dietary supplements is widely spread among adolescents. This habit has often been detected in pediatric and adolescent medicine clinics. Most of the time, th (mais) e use of supplements is motivated by the search of the "ideal body." Other reasons for this practice are: attempt to compensate for an inadequate diet, increase immunity, prevent diseases, improve athletic performance and overcome their own athletic limits. The dietary supplements most frequently used and for which there is little evidence of beneficial effects in healthy adolescents are: proteins, amino acids, beta-hydroxy-beta-methylbutyrate, microelements, carnitine, creatine, vitamins, caffeine, and bicarbonate. This dietary supplementation may be beneficial for competitive athletes who do not have a balanced diet after a specific dietary deficiency has been detected. CONCLUSION: The unrestrained consumption of dietary supplements should be avoided, since, besides the lack of evidence that such practice will lead to improvement of performance, it exposes adolescents to several adverse effects. Balanced nutrition, with intake of essential energy and nutrients is usually enough to achieve good athletic performance. The use of dietary supplements must be allowed only for selected cases in which specific nutritional deficiencies are identified.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

54

Parâmetros bioquímicos de equinos submetidos à simulação de prova de enduro recebendo dietas com adição de óleo de soja/ Biochemical parameters of horses submitted to an endurance simulation receiving diets with soybean oil addition

Brandi, Roberta Ariboni; Furtado, Carlos Eduardo; Martins, Elias Nunes; Freitas, Eduardo Villela Villaça; Queiroz-Neto, Antônio de; Lacerda-Neto, José Corrêa de
2010-02-01

Resumo em português Com o objetivo de verificar o efeito da adição de níveis crescentes de óleo no concentrado sobre a atividade plasmática das enzimas creatina quinase (CK), aspartato aminotransferase (AST) e lactato desidrogenase (LDH) como indicativo de metabolismo energético, foram fornecidas dietas experimentais compostas de cinco níveis de óleo (controle, 6, 12, 18 e 24% do concentrado). Utilizaram-se 20 equinos da raça Árabe, peso médio de 400 kg, submetidos a prova de endu (mais) ro de 80 km em esteira rolante. O enduro foi dividido em quatro anéis de 20 km, com duração média de 1 hora e dez minutos. A adição de óleo e a distância percorrida tiveram efeitos sobre as variáveis AST, CK e LDH, que apresentaram as respectivas expressões: AST (7,045-0,2292x+0,007991x2+0,008517z- 0,0003282xz), CK (8,06-,07020x+0,05546x2-0,001262x3+0,01204z+0,0006207xz) e LDH (6,624-0,3522x+0,03448x2-0,0008382x3+0,02401z-0,0007489xz) . O óleo é uma importante e bem aproveitada fonte de energia para equinos em exercício, pois sua adição na dieta de animais submetidos a prova de enduro promoveu alteração metabólica que favorece a produção de energia. O metabolismo animal poupou suas reservas energéticas oriundas da glicose, favorecendo a utilização do óleo. A menor atividade plasmática das enzimas AST, CK e LDH com a adição de óleo nas dietas indica direcionamento do metabolismo energético para a β-oxidação. Como apresentam várias isoenzimas, as enzimas estudadas atuam amplamente no metabolismo energético, favorecendo a constante reposição de ATP ao longo do exercício. Resumo em inglês The objective of this study was to verify the effect of increasing soybean oil addition levels in the concentrate, on the enzymatic activity CK (Creatine Kinase), LDH (Lactate Dehydrogenase), AST (Astarte aminostrafase), as an indication of energetic metabolism. Compond experimental diets were given with five oil levels (control, 6, 12, 18 and 24% concentrate). Twenty Arabian equines, average weight 400 kg were submitted to a 80 km endurance race on a treadmill. The endur (mais) ance was divided into four 20 km rings with an average duration of one hour and 10 minutes. A significant effect of oil addition and the covered distance was observed on the variables AST, CK, LDH and they present the respective expressions AST and (7,045-0,2292x+0,007991x2+ 0,008517z- 0,0003282xz) CKand(8,06-,07020x+0,05546x2-0,001262x3+0,01204z+0,0006207xz) , LDH and (6,624-0,3522x+0,03448x2-0,0008382x3+0,02401z-0,0007489xz) . The oil is an important and well-used energy source for horses in exercise, because its addition to the diet of animals submitted to endurance test cause metabolic alteration that favored energy production. The animal metabolism save its energy reserves derived from glucose and favored the use of the oil. The smaller plasmatic activity of the AST, CK and LDH, enzymes with the addition of oil to the diets indicated directioning of the energy metabolism to β-oxidation. As the enzymes show several isoenzymes, it was concluded that the enzymes studied act widely on the energetic metabolism, favoring constant ATP reposition during all exercise.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

55

Exame do líquido cefalorraquidiano: influência da temperatura, tempo e preparo da amostra na estabilidade analítica/ Cerebrospinal fluid exam: influence of sample preparation, temperature and time on analytical stability

Dimas, Luciana Ferreira; Puccioni-Sohler, Marzia
2008-04-01

Resumo em português O líquido cefalorraquidiano (LCR) é um fluido biológico que está em íntima relação com o sistema nervoso central (SNC). Por isso, o exame do LCR constitui um método de grande valia para o diagnóstico e o acompanhamento de diversas afecções neurológicas. Entretanto, existem poucos estudos sobre a estabilidade de seus analitos durante a etapa pré-analítica. OBJETIVO: Identificar dados existentes sobre a influência da temperatura e do tempo de estocagem, dos c (mais) iclos de congelamento/descongelamento e pré-tratamentos (centrifugação, desnaturação, adição de soro) na estabilidade dos analitos do LCR. MÉTODO: Foi realizada uma revisão sistemática de artigos da literatura, usando palavras-chave da língua inglesa como storage, cerebrospinal fluid, CSF, stability, temperature e period, com base nos serviços de dados de PubMed, Highwire Press, Lilacs e Amazonas Library, os quais permitem a pesquisa bibliográfica de citações e artigos científicos. RESULTADO: A busca encontrou nove artigos, resultado da escassez de trabalhos sobre o assunto. Os analitos do LCR estudados incluíram células (número e morfologia), proteínas totais, glicose, lactato, aminoácidos, creatina, creatinina, biomarcadores e enzimas. As metodologias se basearam em microscopia óptica, ensaio imunossorvente ligado à enzima (ELISA), Imunoblot/SDS-PAGE e fotometria. CONCLUSÃO: A revisão da literatura confirma que a estabilidade da amostra de LCR sofre influência da temperatura, do tempo de estocagem e das condições de preparo pré-analítico. Os achados desta revisão sistemática podem contribuir para a ampliação dos conhecimentos no exame do LCR, assim como o melhor entendimento sobre a estabilidade da amostra. Resumo em inglês The cerebrospinal fluid (CSF) is a biological fluid that is in close relation with the central nervous system (CNS). Therefore, the CSF examination constitutes an invaluable method in the diagnosis and monitoring of countless neurological diseases. However, there are a few studies about the stability of its analytes during the pre-analytical stage. OBJECTIVE: To identify existing data about the influence of temperature and storage time, freezing/thawing cycles and pre-tre (mais) atments (centrifugation, denaturation, serum addition) on the stability of CSF analytes. METHOD: A systematic review of articles in the literature was conducted by use of Key words: in English such as "storage", "cerebrospinal fluid", "CSF", "stability", "temperature" and "period", based on data from PubMed, Highwire Press, Lilacs and Amazonas Library, free digital archives of biomedical research articles. RESULTt: The search found nine articles, what results from the lack of studies about this subject. Different CSF constituents were analyzed: number of cells and their morphology, total protein, glucose, lactate, amino acids, creatine, creatinine, biomarkers and enzymes. The methodologies employed were: optical microscopy, enzyme linked immunosorbent assay (ELISA), Imunoblot/SDS-PAGE and spectrometry. CONCLUSION: The literature review confirms that the stability of CSF samples is influenced by temperature, storage time and conditions of pre-analytical preparation. The findings of this systematic review may contribute to improving the knowledge about CSF examination, as well as to better understanding the sample stability.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

56

Evolução de biomarcadores de estresse oxidativo e relação com a performance competitiva em dois momentos da temporada de treinamento de natação/ Evolution of oxidative stress biomarkers and correlation with competitive performance in two moments of the swimming training season

Deminice, Rafael; Degiovanni, Gabriel Carvalho; Garlipp-Picchi, Monike Ribeiro; Nóbrega, Mariana T.; Teixeira, Marcelo; Jordão, Alceu Afonso
2009-08-01

Resumo em português Estudos têm demonstrado aumento na formação de espécies reativas de oxigênio após o esforço físico intenso. Esses eventos podem aumentar a suscetibilidade das células musculares a danos oxidativos como a peroxidação lipídica. Assim, variações na intensidade e no volume de treinamento durante a temporada podem modular o metabolismo oxidativo e influenciar a performance dos atletas. OBJETIVO: Estudar a evolução de biomarcadores de peroxidação lipídica em (mais) dois momentos de um ciclo periodizado de treinamento e relacionar com a performance competitiva de natação. MÉTODOS: Participaram do presente estudo 16 nadadores (nove do gênero masculino e sete do feminino). Amostras de sangue foram coletadas em dois períodos do ciclo de treinamento: período preparatório específico e período de polimento. Espécies reativas ao ácido tiobarbitúrico (TBARS) e peróxidos totais foram determinados como biomarcadores de peroxidação lípidica. Creatina quinase foi determinada como parâmetro de dano celular muscular. O índice técnico alcançado no estilo de especialidade de cada atleta foi utilizado como parâmetro de performance competitiva. O índice técnico foi determinado na competição preparatória Troféu Electro Bonini realizada no período preparatório específico, e no Campeonato Paulista realizado no final do período de polimento. RESULTADOS: Foi encontrado aumento significativo (p Resumo em inglês INTRODUCTION: Studies have shown increase in the formation of oxygen reactive species after intense physical exertion. These events may increase the susceptibility of muscular cells to oxidative damage such as lipid per-oxidation. Thus, variations in training intensity as well as volume during the season may modulate the oxidative stress and influence in performance of athletes. AIM: To study the evolution of lipid peroxidation biomarkers in two moments of a periodized cy (mais) cle of training and correlate it with swimming competitive performance. METHODS: 16 swimmers participated in this study (9 males and 7 females). Blood samples were collected in two periods of the training cycle: specific preparation training and tapering period. Species reactive to thiobarbituric acid (TBARS) and total peroxides were determined as lipid peroxidation biomarkers. Creatine kinase was determined as a parameter of muscular cell damage. The technical index reached in the style of specialization of each athlete was used as a competitive performance parameter. The technical index was determined in the preparatory competition Trophy Electro Bonini carried out in the specific preparatory period and in the Championship of São Paulo State carried out in the end of the tapering period (769.6 ± 51.1 points) in comparison with the Trophy Electro Bonini (751.1 ± 55.7 points). Significant reductions In the TBARS concentration ((5.7 ± 2.9 vs 3.3 ± 2.2µmol/L) and total peroxides (45.1±20.6 vs 29.6±13.0 µmol H2O2/L) were found In the tapering period concerning the specific preparatory period. The same situation was not found for creatine kinase ((123.6 ± 60.1 vs 137.4 ± 74.9U/L). CONCLUSION: The significant decrease in the biomarkers of lipid peroxidation derived from the decrease in the volume and intensity of training after the tapering training demonstrates the influence of the training variations on the oxidative stress and its possible relation with performance.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

57

Parâmetros de bioquímica sérica de machos, fêmeas e filhotes de Araras canindé (Ara ararauna) saudáveis mantidas em cativeiro comercial/ Serum biochemical parameters of healthy male, female and young blue-and-yellow macaws (Ara ararauna) bred in captivity

Valle, Stella de Faria; Allgayer, Mariângela da Costa; Pereira, Rosecler Alves; Barcellos, Leonardo José Gil; Hlavac, Nicole Regina Capacchi; França, Raqueli Teresinha; Locatelli, Marcelo Lauxen
2008-06-01

Resumo em português O Brasil possui um considerável número de espécies de psitacídeos catalogados, perfazendo cerca de 80 espécies, sendo que as Araras canindé (Ara ararauna), uma das maiores representantes dessa ordem, podem ser encontradas em florestas nas diversas regiões brasileiras. O Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (IBAMA) normalizou a comercialização de animais da fauna silvestre provenientes de criadouros e conseqüentemente ocorreu (mais) um aumento do número destes animais como de estimação. Atualmente, há pouco conhecimento sobre os parâmetros clínicos e laboratoriais de espécies silvestres em cativeiro. O presente trabalho teve como objetivo determinar parâmetros de bioquímica sangüínea de Araras canindé (Ara ararauna) saudáveis de sexo e faixa etária distintas mantidas em um criatório comercial com alimentação e manejo controlados e padronizados. Foram colhidas amostras de sangue de 35 araras canindé (11 filhotes e 24 adultos) e remetidas ao Laboratório de Análises Clínicas Veterinárias da Universidade de Passo Fundo (UPF) para determinação dos seguintes indicadores bioquímicos: ácido úrico (AU), albumina (ALB), aspartato aminotransferase (AST), cálcio (Ca), colesterol (Col), creatina quinase (CK), fosfatase alcalina (FA), fósforo inorgânico (Pi), frutosamina (Fru), gama glutamil transferase (GGT), proteínas totais (PT) e uréia (UR). Entre as aves adultas, foram encontradas diferenças significativas nos valores de CK (superior nos machos), Ca e AU (superiores nas fêmeas). Entre aves adultas e filhotes foram constatadas diferenças significativas nos valores de AU, Ca, ALB, COL, FA, Pi e FRU. A maioria das alterações detectadas pode ser relacionada à diferença na dieta fornecida e à condição fisiológica de cada categoria de aves. Os dados obtidos podem ser utilizados como parâmetros de referência para as araras canindé brasileiras. Resumo em inglês Several psittacines have been cataloged in Brazil, totaling nearly 80 species. The blue-and-yellow macaw (Ara ararauna), the most representative species of the Psittaciformes order, lives in the forest areas of different Brazilian regions. IBAMA, Brazilian environmental protection agency, has authorized the trade of wild animals raised in breeding facilities; consequently, their use as household pets has increased ever since. Currently, too little is known about clinical (mais) and laboratory parameters of wild species bred in captivity. The aim of the present study was to determine the serum biochemical parameters of healthy blue-and-yellow macaws (Ara ararauna) of different sexes and ages reared in a commercial breeding facility under controlled and standardized feeding and management practices. Blood samples were collected from 35 blue-and-yellow macaws (11 fledglings and 24 adults) and sent to the Laboratory of Veterinary Clinical Pathology of Universidade de Passo Fundo (UPF) for measurement of the following biochemical parameters: uric acid (UA), albumin (Alb), aspartate aminotransferase (AST), calcium (Ca), cholesterol (Chol), creatine kinase (CK), alkaline phosphatase (AP), inorganic phosphorus (iP), fructosamine (Fru), gamma-glutamyl transferase (GGT), total protein (TP) and urea nitrogen (Ur). There were significant differences among adult macaws with regard to CK levels (higher in males) and to Ca and UA levels (higher in females). Differences were noted among adults and fledglings with respect to UA, Ca, Alb, Chol, AP, iP and Fru. Most of the findings can be ascribed to the different feeding regimens and ages of the birds analyzed. The data obtained herein can be used as reference parameters for Brazilian blue-and-yellow macaws.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

58

Estimulação elétrica neuromuscular em cães submetidos à imobilização rígida temporária da articulação fêmoro-tíbio-patelar/ Neuromuscular electrical stimulation in dogs submitted to rigid temporary immobilization of femmoral-tibial-patellar joint

Souza, Soraia Figueiredo de; Mazzanti, Alexandre; Raiser, Alceu Gaspar; Salbego, Fabiano Zanini; Pelizzari, Charles; Martins, Danieli Brollo; Rech, Raquel Rubia; Lopes, Sonia Terezinha dos Anjos; Beckmann, Diego Vilibaldo; Souza, Lucilene Bernardi de; Cunha, Marina Gabriela Carvalho Mori da; Festugatto, Rafael; Santos, Rosmarini Passos dos; Silva, Ana Paula da
2007-02-01

Resumo em português Com o objetivo de avaliar o efeito da estimulação elétrica neuromuscular (EENM) de baixa freqüência sobre o músculo vasto lateral, foram utilizados 11 cães, agrupados aleatoriamente em três grupos, denominados de I ou controle, de II (EENM após imobilização) e de III (EENM durante e após imobilização). A articulação fêmoro-tíbio-patelar direita foi imobilizada por 30 dias pelo método de transfixação percutânea tipo II. Os cães do grupo III iniciaram (mais) as sessões de eletroterapia, três vezes por semana, durante (30 dias) e após a imobilização (60 dias); e os cães dos grupos II após a remoção da imobilização rígida temporária. Foram avaliadas a mensuração da circunferência da coxa, a goniometria do joelho, os graus de claudicação, as enzimas creatina-quinase (CK) e a aspartato-amino-transferase (AST) e a morfometria das fibras musculares longitudinais do vasto lateral. A análise clínica dos graus de claudicação foi realizada diariamente. A medida da circunferência de coxa, a goniometria e a biópsia do músculo vasto lateral foram realizadas nos tempos zero, 30, 60 e 90 dias após imobilização. As amostras de sangue para avaliação da CK e da AST foram coletadas antes, imediatamente depois, em 6, 24 e 48 horas após a EENM, nos dias zero, 1, 7, 30, 45, 60, 75 e 90. A EENM foi empregada no músculo quadríceps femoral numa freqüência de 50Hz, com duração de pulso de 300 milisegundos e relação "on time/off time" de 1:2. Não houve diferença significativa nos graus de claudicação, nos valores de circunferência da coxa, na goniometria e no comportamento das enzimas CK e AST entre os grupos. Foi observada maior hipertrofia das fibras musculares longitudinais nos cães do grupo II (P=0,0005), seguidos pelos cães do grupo III. Pode-se concluir que a EENM de baixa freqüência ocasiona hipertrofia do músculo vasto lateral em cães após a imobilização rígida temporária da articulação do joelho, recomendando-se o seu uso em animais com atrofia muscular. Resumo em inglês This study was aimed at evaluating the effects of neuromuscular electrical stimulation (NMES) of low frequency on the vastus lateralis muscle. Eleven dogs were randomly placed in 3 groups: I (control), II (NMES post immobilization), and III (NMES during and post immobilization). The right femoral-tibial-patellar joint was immobilized for 30 days by the percutaneous transfixation type II method. The dogs from group III were placed on electrotherapy 3 times a week during (3 (mais) 0 days) and post-immobilization (60 days) and the dogs from group II post-removal of the temporary rigid immobilization. The parameters evaluated consisted of: measurement of thigh circumference, joint motion using a goniometer, gait analysis, creatine kinase (CK) and aspartate aminotransferase (AST) levels and morphometry of the longitudinal muscle fibers of vastus lateralis muscle. The gait analysis was performed daily and the circumference of the thigh, joint motion, and muscle biopsy were performed on days 0, 30, 60 and 90 post-immobilization. The blood samples for CK and AST were collected before and immediately after 6, 24 and 48 hours post-NMES on days 0, 1, 7, 30, 45, 60, 75 and 90. The NMES was employed on the femoral quadriceps muscle group with a frequency of 50Hz post-duration of 300msec on an on-time/off-time ratio of 1:2. There was no significant difference on the gait analysis, thigh circumference, joint motion, and CK and AST values. The greatest hypertrophy change was observed on longitudinal fibers of the dogs from group II (P=0.0005), followed by the dogs from group III. NMES of low frequency causes hypertrophy of the vastus lateralis muscle in dogs post-temporary immobilization of the stifle joint, recommending its use in animals with muscular atrophy.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

59

Comportamento de variáveis fisiológicas em atletas de nado sincronizado durante uma sessão de treinamento na fase de preparação para as Olimpíadas de Atenas 2004/ Behavior of physiological variables in synchronized swimming athletes during a training session preparing for the Athens 2004 Olympic Games/ Comportamiento de variábles fisiológicas en atletas de nado sincronizado durante una sesion de entrenamiento en la fase de preparación para las Olimpíadas de Atenas 2004

Pazikas, Marina Guimarães Antunes; Curi, Andréa; Aoki, Marcelo Saldanha
2005-12-01

Resumo em português O objetivo do presente estudo foi avaliar o comportamento de variáveis fisiológicas durante uma sessão de treino de nado sincronizado realizada na fase de preparação para as Olimpíadas de Atenas 2004. MATERIAIS E MÉTODOS: A amostra utilizada foi constituída pelo dueto (24 ± 0 anos) representante do Brasil em Atenas 2004. A coleta de dados foi realizada durante uma sessão de treinamento com duração de 198 minutos. O treino se iniciou com a parte física, seguid (mais) a da parte técnica. Para a determinação da glicemia e da concentração de beta-hidroxibutirato foi utilizado o monitor Optium® com suas respectivas tiras. As concentrações de cortisol e das enzimas lactato desidrogenase (LDH) e creatina quinase (CK) foram determinadas por radioimunoensaio (DPC©) e kits comerciais (CELM®), respectivamente. O acompanhamento da freqüência cardíaca (FC) foi realizado com o freqüêncimetro Advantage Polar®. RESULTADOS: Foi observada redução (~2%) do peso corporal. A glicemia também apresentou queda (~30%) em comparação ao valor obtido no início do treino. Em contrapartida, foi observada elevação na concentração de cortisol (salivar 22% e plasmática 29%) e de beta-hidroxibutirato (~340%). Não foi observada alteração significativa na concentração plasmática de CK e de LDH. O acompanhamento da FC demonstrou que dos 198 minutos que constituíram a sessão de treino, 36,5 ± 0,7 minutos foram realizados em intensidade leve; 103,5 ± 0,7 minutos em intensidade moderada, 54,0 ± 2,1 minutos em intensidade alta e 4,0 ± 0,0 minutos em intensidade muito alta. CONCLUSÕES: A perda de peso indica que a reposição hídrica não foi adequada. A redução na glicemia e o aumento na concentração de corpos cetônicos e de cortisol reforçam a importância da suplementação de carboidrato durante o treino de longa duração. O comportamento da FC demonstra que a sessão de treinamento foi realizada em uma intensidade moderada, porém com breves momentos de intensidade alta, nos quais foram realizadas as rotinas. Resumo em espanhol El objetivo del presente estudio fue el de evaluar la conducta de algunas variables fisiológicas durante una sesión de entrenamiento de nado sincronizado cumplido en la fase de la preparación para los Juegos Olímpicos de Atenas 2004. MATERIALES Y MÉTODOS: La muestra usada se constituyó por el dueto (24 ± 0 años) representante de Brasil en Atenas 2004. La colección de datos fue cumplida durante una sesión de entrenamiento con una duración de 198 minutos. Los ent (mais) renamientos empezaron con la parte física, mientras era seguida por la parte técnica. Para la determinación de la glicemia y de la concentración de beta-hidroxibutirato el experimentador usó Optium® con las cintas respectivas. Las concentraciones del cortisol y de las enzimas lactico deshidrogenasa (LDH) y creatinquinase (CK) fueron medidas por el radio-imuno-ensayo (DPC©) con equipos comerciales (CELM®), respectivamente. La asistencia de la frecuencia del corazón (FC) fue cumplida con elfrecuencímetro Polar®. RESULTADOS: La reducción fue observada (~2%) en el peso corporal. La glicemia también presentó una caída (~30%) comparada con el valor obtenido al principio del entrenamiento. En contra de la salida, se observó una elevación en la concentración del cortisol (en saliva 22% y plasmático 29%) y del beta-hidroxibutirato (~340%). No se observó una alteración significante en la concentración plasmática de CK y de LDH. El control de la de FC demostró a los 198 minutos de la sesión de entrenamiento, que 36,5 ± 0,7 minutos eran cumplidos en una intensidad ligera; 103,5 ± 0,7 minutos en una intensidad moderada, 54,0 ± 2,1 minutos en la intensidad alta y 4,0 ± 0,0 minutos en una intensidad muy alta. CONCLUSIONES: La pérdida de peso indica que el remplazo hidrico no se adaptó. La reducción en el glicemia y el aumento en la concentración de los cuerpos cetónicos y de cortisol ellos refuerzan la importancia del suplementación de hidratos de carbono durante el entrenamiento de larga duración. La conducta de FC demuestra que la sesión de entrenamiento fué cumplida en una intensidad moderada, sin embargo en los momentos breves de intensidad alta, mientras, las rutinas eran cumplidas. Resumo em inglês The purpose of this study was to evaluate the behavior of physiological variables during a synchronized swimming training session performed in athletes preparing for the Athens 2004 Olympic Games. MATERIALS AND METHODS: The sampling used was constituted by the duet (24 ± 0 years) who was representing Brazil in the Athens 2004 Olympic Games. Data collection was performed during a 198 minute training session. The training started with the physical portion, followed by the (mais) technical portion. In order to determine the glycemia and the beta-hydroxybutyrate, it was used an Optium® monitor with its respective stripes. The cortisol and the dehydrogenase lactate enzymes (LDH), concentrations, as well as the kinase creatine (KC) concentration were determined through the radioimmunoassay (RIA©) and through commercially available kits (CELM©), respectively. The follow-up of the heart rate (HR) was performed using an Advantage Polar® heart rate monitor. RESULTS: It was noted a reduction (~2%) in the body weight. The glycemia also presented a fall (~30%) compared to the value attained in the beginning of the training session. Otherwise, it was observed an elevation in the cortisol concentration (salivary, 22%, and plasmatic, 29%) and in the beta-hydroxybutyrate (~340%). No significant changes in the plasmatic concentration of the KC and LDH were observed. The follow-up of the HR showed that from all 198 minutes of the training session, 36.5 ± 0.7 minutes were performed at a light intensity; 103.5 ± 0.7 minutes at a moderate intensity, 54.0 ± 2.1 minutes at a high intensity, and 4.0 ± 0.0 minutes at a very high intensity. CONCLUSIONS: The weight loss indicates that the hydric reposition was not adequate. The reduction in the glycemia and the increase in the ketonic bodies and cortisol concentrations reinforce the importance of a carbohydrate supplement during the long endurance training. The HR behavior shows that the training session was performed at a moderate intensity, but having fast moments of high intensity, in which routines were performed.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

60

Variação sazonal da bioquímica clínica de vacas aneloradas sob pastejo contínuo de Brachiaria decumbens/ Seasonal changes of clinical biochemistry of graded Nelore cows on continuous grazing of Brachiaria decumbens

Morais, M.G.; Rangel, J.M.; Madureira, J.S.; Silveira, A.C.
2000-04-01

Resumo em português Em um esquema de parcela subdividida que incluía dois tratamentos (A= solo arenoso e B= solo argiloso) e 10 subtratamentos (10 épocas de amostragem) a bioquímica clínica de 20 vacas de corte, sob pastejo contínuo de B. decumbens, foi acompanhada durante 13 meses. Os constituintes sangüíneos estudados foram: glicose (GLI), hemoglobina (HB), bilirrubina (BIL), creatinina (CREA), albumina (ALB), aspartatoaminotransferase (AST), fosfatase alcalina (FAS) e creatinoquina (mais) se (CK). Foram obtidos valores médios de 98,0 e 110,2 mg/dl para GLI, 13,27 e13,38g/l para HB, 0,718 e 0,661mg/dl para BIL, 1,89 e 1,73mg/dl para CREA e 3,56 e 3,39g/dl para ALB nos tratamentos A e B, respectivamente. Vacas aneloradas apresentaram um perfil bioquímico clínico de animais aparentemente sadios, isto é, ausência de anemia, icterícia e disfunção renal. Não foi possível diagnosticar alterações hepáticas mas ocorreram lesões musculares (CK) em algumas épocas, sem afetar clinicamente os animais. GLI, ALB, AST e FAS apresentaram mudança sazonal com níveis mais altos na primavera-verão e mais baixos no período de seca, no outono-inverno. Resumo em inglês A split plot design was carried out in order to study the clinical biochemistry of 20 graded Nelore cows on continuous grazing of Brachiaria decumbens on sandy (treatment A) or on clay soil (treatment B). The mean values for the blood components were glucose, 98.0 and 110.2 mg/dl; hemoglobin, 13.27 and 13.38 g/l; bilirubin, 0.718 and 0.661 mg/dl; and creatinine, 1.89 and 1.73 mg/dl, on treatments A and B, respectively. Albumin, aspartate aminotransferase, alkaline phospha (mais) tase, and creatine kinase were also evaluated. The cows showed a metabolic profile similar to healthy-like animals, i.e., without anemia, jaudice, and renal disorder. It was not possible to detect abnormal liver function because of the need of inclusion of one specific liver enzyme in the clinical analysis. Muscular lesions were occasionally observed, even though the cows seemed clinically healthy. Glucose, albumin, aspartate aminotransferase, and alkaline phosphatase levels were higher during spring and summer (rainy season) than during fall and winter (dry season).

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

61

Valores bioquímicos séricos em potros da raça puro sangue inglês suplementados com diferentes tipos de gordura/ Serum biochemical in thoroughbred horses supplemented with fat

Dittrich, Rosângela Locatelli; Dittrich, João Ricardo; Flenung, José Sidney; Pereira, Laertes; Harder, Simone; Saito, Mere Erika; Schmidt, Elizabeth Moreira dos Santos; Silva, Simone Ferreira Couto
2000-08-01

Resumo em português Determinaram-se as concentrações de glicose, ureia, GGT (gama glutamil transferase), CK (creatino quinase), AST (aspartato aminotransferase) e LDH (lactato desidrogenase) em equinos alimentados com dietas normal e suplementadas com gorduras. As amostras de sangue foram obtidas após os exercícios físicos. O delineamento experimental utilizado foi um ensaio rotativo em quadrado latino 4x4. Os quatro tratamentos foram: Tl - dieta normal; T2 - dieta normal, com 10% de ó (mais) leo de milho (gordura insaturada); T3 - dieta normal, com 10% de gordura de coco (gordura saturada); T4 - dieta normal, com 5% de óleo de milho e 5% de gordura de coco. Os resultados encontrados para glicose, ureia e GGT não apresentaram diferenças significativas entre as dietas. Os resultados para a AST e LDH foram maiores nos equinos alimentados com dietas sem gordura, e os valores da CK, em UI/L. foram de 118,01 (Tl); 84,24 (T2); 60,37 (T3) e 76,28 (T4), sendo significativamente menores (P Resumo em inglês This experiment determined lhe concentrations of blood glucose, urea, GGT (gama glutamyltransferase), creatine kinase (CK), aspartate aminotransferase (AST) and lactate dehydrogenase (LDH) in horses after the exercises, with normal diet and additional dietary fat. It was used the 4x4 Latin square design. The four diets were Tl-normal diet; T2-normal diet with 10% com oil; T3-nonnal diet with 10% coconut oil; T4-nonnal diet with 5% com oil and 5% coconut oil. There were no (mais) signifi cam changes in glucose, urea and GGT leveis due to diet. The serum concentrations of AST and LDH were higher in horses fed a diet withoutfat, and the resultsfound to CK (Ul/L) were 118.01 (Tl); 84.24 (T2); 60.37 (T3) and 76.28 (T4). Serum leveis ofCK were significantiy smaller (P

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

62

Síndrome neuroléptica maligna: relato de caso com recorrência associada ao uso de olanzapina/ Neuroleptic malignant syndrome: case report of a recurrence related to olanzapine

HANEL, RICARDO A.; SANDMANN, MARCOS C.; KRANICH, MARTINA; BITTENCOURT, PAULO R. M. DE
1998-12-01

Resumo em português A síndrome neuroléptica maligna (SNM) consiste em reação idiossincrática a neurolépticos, provavelmente relacionada a bloqueio dos receptores dopaminérgicos nos gânglios da base, sendo por isso também conhecida como síndrome da deficiência aguda de dopamina.A SNM é caracterizada por hiperpirexia, alteração do nível de consciência, hipertonia, disfunção autonômica e insuficiência respiratória, podendo ainda ser encontrados rabdomiólise e leucocitose. (mais) O haloperidol é a droga mais frequentemente associada à síndrome. Relatamos o caso de um paciente de 30 anos que apresentou SNM em duas ocasiões diferentes, a primeira delas relacionada ao uso de haloperidol e clorpromazina e a segunda relacionada ao uso de olanzapina, fato este sem menção anterior na literatura indexada. Resumo em inglês The neuroleptic malignant syndrome (NMS) consists in an idiosyncratic reaction to neuroleptic drugs, probably related to a blockage of dopamine receptors in basal ganglia. Research criteria for diagnosing NMS from DSM-IV require severe rigidity and fever accompanied by 2 of 10 minor features including diaphoresis, dysphagia, tremor, incontinence, altered mentation, mutism, tachycardia, elevated or labile blood pressure, leukocytosis and elevation of creatine phosphokinase (mais) . From a clinical point of view, the NMS may range a large spectrum of presentations. Haloperidol is the most frequent drug associated with this syndrome. We report the case of a 30 year-old man who developed NMS at two different occasions, the first related to haloperidol and chlorpromazine and the second related to olanzapine, to our knowledge without previous mention in the indexed literature.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

63

Respostas agudas pós-exercício dos níveis de lactato sanguíneo e creatinofosfoquinase de atletas adolescentes/ Acute post-exercise blood lactate and creatin phosphokinase levels responses in young athletes

Silva, Carla Cristiane; Goldberg, Tamara Beres Lederer; Capela, Renata Campos; Kurokawa, Cilmery Suemi; Teixeira, Altamir dos Santos; Dalmas, José Carlos; Cyrino, Edílson Serpeloni
2007-12-01

Resumo em português O crescente interesse de crianças e adolescentes por esportes competitivos induz a uma maior preocupação em prescrever treinamentos adequados a essa população específica. O conhecimento do impacto da intensidade de treinamento físico competitivo sobre a saúde de adolescentes são ainda incipientes na literatura científica. Este estudo objetivou investigar as respostas agudas do lactato sanguíneo (Lac) e da creatinofosfoquinase (CPK) após uma sessão de treiname (mais) nto físico em atletas jovens treinados em diferentes modalidades esportivas. Participaram 43 adolescentes do sexo masculino entre 9 e 17 anos, distribuídos em três grupos: nadadores, tenistas, jogadores de futebol de salão. Os protocolos para cada modalidade seguiram o planejamento normal de uma sessão específica. A dieta no dia anterior à coleta foi padronizada e as 24 horas que precediam a avaliação foram dedicadas ao repouso dos atletas. Foram coletados 5ml de sangue da veia antecubital imediatamente antes da realização da sessão de treinamento, repetindo coleta idêntica, imediatamente após a sessão. Foi obtida a idade óssea para a avaliação da maturação esquelética pelo método de Greulich & Pyle. Análise de variância Kruskal-Wallis e teste U-de Mann-Whitney foram utilizados para comparações entre os grupos. Valores de p Resumo em inglês The growing interest of children and adolescents in competitive sports demands a higher concern with suitable training prescription to this specific population. The knowledge of the impact of the competitive physical training intensity over the young population's health is still scarce in the literature. Thus, the aim of this study was to examine acute responses in blood lactate (Lac) and creatine phosphokinase (CPK) concentration after a physical training session with yo (mais) ung athletes trained in different sports modalities. Forty-three male adolescents (aged 9-17 years) were divided in three groups: swimmers, tennis players, and indoor soccer players. There were no changes in rules or procedures before or after the practice session. Diet and activity (no exercise) were standardized during the twenty-four hours before the evaluation. Venous blood samples (5 mL) were collected from the antecubital vein immediately before and after the training session. The bone age was obtained through the Greulich & Pyle method and was analyzed for skeleton maturity grading. Statistical analysis included Kruskal-Wallis variance analysis and Mann-Whitney U test (alpha was set at 0.05). Both Lac and CPK were higher post-session than pre-session in all sports studied. Age appeared to influence Lac and CPK concentration. The age group between nine and eleven years old had lower values compared to the older group, both pre- and post-session. The increases in CPK and Lac with exercise are similar to the findings previously reported in the literature. Moreover, CPK and Lac are higher with older chronological age. Thus, it is possible to demonstrate that Lac and CPK have a positive correlation to bone maturation and chronological age.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

64

Perfil bioquímico sorológico de bovinos inoculados experimentalmente com veneno crotálico iodado livre e iodado incorporado em liposomas/ Serological biochemical profile of bovines poisoned experimentally with free iodized crotalic poison and iodized incorporated in lipossomes

Lago, L.A.; Marques Junior, A.P.; Melo, M.M.; Lago, E.P.; Oliveira, N. J. F.; Alzamora Filho, F.
2004-10-01

Resumo em português Investigou-se o perfil sorológico de bovinos inoculados com veneno crotálico detoxificado pelo método de iodação e iodação com encapsulação em liposomas. Onze fêmeas com idade média de 18 meses e peso médio de160kg, foram inoculadas com 0,03mg/kg de peso vivo do veneno crotálico do tipo crotamina positivo. Cinco animais receberam o veneno iodado livre, cinco o iodado encapsulado em liposomas e um animal recebeu o mesmo veneno na forma natural, para controle d (mais) a letalidade da amostra de veneno utilizada. Não houve alterações significativas na concentração de proteínas totais, uréia e creatinina em ambos os tratamentos. Foi observada diferença significativa na concentração de creatinafosfoquinase a partir de duas horas após a inoculação do veneno. A iodação do veneno crotálico, com ou sem incorporação em liposomas, suprimiu seus efeitos deletérios sobre o perfil bioquímico de bovinos. Resumo em inglês It was studied the activity of the Crotalus venom detoxified encapsulated in lipossomes or non-encapsulated by the method of controlled iodination on the biochemical profile of bovines. Eleven 18-months-old female bovines, weighting 160kg in average were used in this study. Groups of five animals were inoculated intramuscularly with a dose of 0,03mg/kg with either the detoxified non-encapsulated venom or the detoxified encapsulated venom. One control animal received the s (mais) ame dose of non detoxified venom by the same route. No significant differences were observed between the study groups for the parameters of total protein, urea and creatinine. Differences were observed for creatine phosfokinase at times T O and T12 for the group treated with the iodinated venom encapsulated in liposomes. The detoxification process abolished the activity of the venom in the encapsulated or nonencapsulated form on the biochemical parameters and renal activity of bovine.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

65

Níveis de PCR são maiores em pacientes com síndrome coronariana aguda e supradesnivelamento do segmento ST do que em pacientes sem supradesnivelamento do segmento ST/ CRP levels are higher in patients with ST elevation than non-ST elevation acute coronary syndrome/ Niveles de PCR son mayores en pacientes con síndrome coronario agudo y supradesnivel del segmento ST que en pacientes sin supradesnivel del segmento ST

Habib, Syed Shahid; Kurdi, Mohammad Ibrahim; Al Aseri, Zohair; Suriya, Mohammad Owais
2011-01-01

Resumo em português FUNDAMENTO: Há grande interesse no uso de proteína C-reativa de alta sensibilidade (PCR-as) para avaliação de risco. Altos níveis de PCR-as no início da síndrome coronária aguda (SCA), antes da necrose tecidual, pode ser um marcador substituto para comorbidades cardiovasculares. OBJETIVO: Dessa forma, nosso objetivo foi estudar diferentes medidas de seguimento de níveis de PCR-as em pacientes com SCA e comparar as diferenças entre infarto do miocárdio sem eleva (mais) ção do segmento ST (NSTEMI) com pacientes apresentando elevação do segmento ST (STEMI). MÉTODOS: Este é um estudo observacional. Dos 89 pacientes recrutados, 60 apresentavam infarto agudo do miocárdio (IAM). Três níveis seriados de PCR-us, a nível basal na hospitalização antes de 12 horas após inicio dos sintomas, níveis de pico 36-48 horas após hospitalização e níveis de acompanhamento após 4 a 6 semanas foram analisados e comparados entre pacientes com (IAMCSST) e sem supradesnivelamento do segmento ST (IAMSSST). RESULTADOS: Pacientes com IAMCSST tinham IMC significantemente mais alta quando comparados com pacientes IAMSSST. Os níveis de creatino quinase fração MB (CK-MB) e aspartato aminotransferase (AST) eram significantemente mais altos em pacientes com IAMCSST quando comparados com pacientes com IAMSSST (p Resumo em espanhol FUNDAMENTO: Hay gran interés en el uso de proteína C-reactiva de alta sensibilidad (PCR-as) para evaluación de riesgo. Altos niveles de PCR-as en el comienzo del síndrome coronario agudo (SCA), antes de la necrosis tisular, puede ser un marcador sustituto para comorbilidades cardiovasculares. OBJETIVO: De esa forma, nuestro objetivo fue estudiar diferentes medidas de seguimiento de niveles de PCR-as en pacientes con SCA y comparar las diferencias entre infarto de mioc (mais) ardio sin elevación del segmento ST (NSTEMI) con pacientes presentando elevación del segmento ST (STEMI). MÉTODOS: Este es un estudio observacional. De los 89 pacientes reclutados, 60 presentaban infarto agudo de miocardio (IAM). Tres niveles seriados de PCR-us, a nivel basal en la hospitalización antes de 12 horas después del inicio de los síntomas, niveles de pico 36-48 horas después de hospitalización y niveles de control después de 4 a 6 semanas fueron analizados y comparados entre pacientes con (IAMCSST) y sin supradesnivel del segmento ST (IAMSSST). RESULTADOS: Pacientes con IAMCSST tenían IMC significativamente más alta cuando fueron comparados con pacientes IAMSSST. Los niveles de creatinoquinasa fracción MB (CK-MB) y aspartato aminotransferasa (AST) eran significativamente más altos en pacientes con IAMCSST cuando fueron comparados con pacientes con IAMSSST (p Resumo em inglês BACKGROUND: There is intense interest in the use of high-sensitivity C-reactive protein (hsCRP) for risk assessment. Elevated hsCRP concentrations early in acute coronary syndrome (ACS), prior to the tissue necrosis, may be a surrogate marker for cardiovascular co-morbidities. OBJECTIVE: Therefore we aimed to study different follow up measurements of hsCRP levels in acute coronary syndrome patients and to compare the difference between non-ST elevation myocardial infarcti (mais) on (NSTEMI) and ST myocardial infarction (STEMI) patients. METHODS: This is an observational study. Of the 89 patients recruited 60 patients had acute myocardial infarction (AMI). Three serial hsCRP levels at baseline on admission to hospital before 12 hours of symptom onset, peak levels at 36-48 hours and follow up levels after 4-6 weeks were analyzed and compared between non-ST elevation AMI and ST elevation AMI. RESULTS: STEMI patients had significantly higher BMI compared to NSTEMI patients. Creatine kinase myocardial bound (CKMB) and Aspartate aminotransferase (AST) levels were significantly higher in STEMI patients compared to NSTEMI patients (p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

66

Métodos de recuperação pós-exercício: uma revisão sistemática/ Post-exercise recovery methods: a systematic review

Pastre, Carlos Marcelo; Bastos, Fábio do Nascimento; Netto Júnior, Jayme; Vanderlei, Luiz Carlos Marques; Hoshi, Rosangela Akemi
2009-04-01

Resumo em português A recuperação pós-exercício consiste em restaurar os sistemas do corpo a sua condição basal, proporcionando equilíbrio e prevenindo a instalação de lesões e, nesse sentido, torna-se aspecto importante de todo programa de condicionamento físico, em quaisquer níveis de desempenho, mas, sobretudo nos mais elevados. O objetivo desta revisão foi reunir informações e descrever as respostas proporcionadas por métodos recuperativos pós-exercício, como crioterapi (mais) a, contraste, massagem e recuperação ativa, constituindo uma fonte de atualização do referido tema. Utilizaram-se os bancos de dados MedLine, Scielo e Lilacs, como lista de periódicos, o SportsDiscus. Foram incluídos no estudo somente ensaios clínicos randomizados controlados e não-controlados, além de artigos de revisão referentes ao tema proposto. Optou-se por procurar os termos: cryotherapy, massage, active recovery, thermotherapy, immersion e exercise, individualmente e em cruzamentos. Como achado, observou-se que alguns estudos relatam que a crioterapia é prejudicial em se tratando de recuperação pós-exercício, pois reduz o desempenho imediatamente após a aplicação da técnica. Por outro lado, estudos apontam como sendo benéfica, pois reduzem o nível de creatinaquinase após alta intensidade de esforço, evitando danos musculares. Para o contraste, embora apresente significância em se tratando de remoção de lactato sanguíneo, sua efetividade necessita ser mais bem discutida. Na massagem e na recuperação ativa, os principais vieses descritos dizem respeito à pressão exercida e à intensidade do exercício, respectivamente. Entre as técnicas, as que parecem ter efeitos semelhantes são o contraste e a recuperação ativa, no que tange à remoção de lactato e diminuição da creatinaquinase. Ressalta-se que o tempo de exposição é de fundamental importância para todos os métodos. Entretanto, diversos estudos não se propõem a identificar os reais efeitos fisiológicos promovidos pelas técnicas, utilizando-as de modo inipiente. Portanto, a inconsistência dos resultados encontrados sugere que a análise das variáveis utilizadas como método de recuperação deve ser mais bem controlada. Resumo em inglês The post-exercise recovery consists in restoring the body systems to baseline condition, providing balance and preventing injuries installation and, in that sense; it becomes an important aspect of every fitness program, at any levels of performance, but especially in higher levels. The objective of this review was to gather information and to describe the responses provided by post-exercise recovery methods, such as cryotherapy, contrast water immersion, massage and acti (mais) ve recovery, providing an update on this issue. MedLine, Scielo and Lilacs databases were used, as well as the SportsDiscus list of journals. Only randomized controlled and non-controlled clinical essays, in addition to review articles concerning the proposed topic were included. Our choice was for the search terms: cryotherapy, massage, active recovery, thermotherapy, immersion and exercise, individually and combined. It was observed that some studies report that cryotherapy is harmful concerning post-exercise recovery, once it reduces performance immediately after the technique application. On the other hand, studies point it as being beneficial due to its reduction in the creatine kinase level after exercise, avoiding hence muscle damage. Concerning contrast water immersion, although it presents significance when it comes to blood lactate removal, its effectiveness needs to be better discussed. Regarding massage and active recovery, the main described biases relate to the pressure and intensity of the exercise, respectively. Among the techniques, contrast water immersion and active recovery seem to have similar effects concerning lactate removal and creatine kinase decrease. It is highlighted that the exposure time is crucial for all methods. However, several studies do not try to identify the real physiological effects promoted by the techniques, having them in limited use. Therefore, the inconsistency of the results found suggests that the assessed variables used as a recovery method should be better controlled.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

67

Lesão iatrogênica de vias biliares/ Iatrogenic bile duct injuries

Aguiar, Guilherme Brasileiro de; Oliveira, Carlos Iglezias Brandão de; Silva Júnior, Joaquim Barbosa de Sousa e; Santos, Loryenne Soares; Vieira, Sabas Carlos
2005-04-01

Resumo em português OBJETIVO: O objetivo do presente estudo foi avaliar os casos de lesões iatrogênicas de vias biliares tratados na clínica cirúrgica do Hospital Getúlio Vargas - HGV nos últimos oito anos. MÉTODO: Foi realizada análise retrospectiva dos prontuários dos pacientes internados no HGV, com hipótese diagnóstica de lesão iatrogênica de vias biliares. Foram incluídos pacientes com lesões provenientes do próprio serviço e de outras instituições. Os prontuários fo (mais) ram revisados e obtidas as seguintes variáveis: procedência do paciente, idade, sexo, data da cirurgia inicial, sintomas, tempo de evolução, valores da bilirrubina, fosfatase alcalina, AST e ALT, TAP, creatinina, além da cirurgia realizada para correção da lesão, complicações, permanência hospitalar e condições do paciente na alta hospitalar. RESULTADOS: Foram confirmados 10 casos de lesão iatrogênica de vias biliares. Todos os paciente eram do sexo feminino, com idades variando entre 18 e 49 anos. Os sinais ou sintomas mais freqüentes foram icterícia, colúria e dor abdominal. Em relação à terapêutica cirúrgica, a hepático-jejunostomia em "Y" de Roux foi o procedimento mais empregado. CONCLUSÕES: As lesões iatrogênicas das vias biliares ainda representam um desafio para os cirurgiões e sua ocorrência está mais relacionada a procedimentos realizados em hospitais não especializados, por cirurgiões sem treinamento adequado. A principal medida a ser adotada é a prevenção da lesão. Após sua ocorrência, esta deve ser corrigida em hospitais com equipe médica treinada. Resumo em inglês BACKGROUND: The objective of this study was to evaluate the cases of iatrogenic lesions of the biliary tract treated in the surgical clinic at Getulio Vargas Hospital - GVH during the last eight years. METHODS: A retrospective analysis of the patients' charts admitted with the diagnosis of iatrogenic lesions of the biliary tract was performed. Patients with iatrogenic lesions originating from our service and from other institutions were included. The charts were reviewed (mais) for the following variables: origin of the patient, age, sex, date of first surgery, symptoms, time elapsed, bilirubin, alkaline phosphate, AST and ALT, TAP, creatine, surgery performed to correct the lesion, presence of complications, hospital stay and patient status on discharge. RESULTS: Ten cases of iatrogenic lesions of the biliary tract were confirmed. All patients were females, whose ages varied from 18 to 40. The most frequent signs and symptoms were icterus, chromaturia and abdominal pain. In regards to the corrective surgery, hepatic-jejunostomy in "Y" of Roux was the procedure most frequently used. CONCLUSION: Iatrogenic lesions of the biliary tract still represent a challenge to general surgeons. It is an occurrence more closely related to procedures performed in nonspecialized hospitals by surgeons without adequate training. The main measure to be taken is to prevent the damage. After the event, it should be corrected by a trained medical team in a well-equipped hospital.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

68

Isolamento, diferenciação e aspectos bioquímicos de células-tronco de líquido amniótico/ Isolation, differentiation and biochemical aspects of amniotic fluid stem cell

Cabral, Antônio Carlos Vieira; Ângelo, Patrícia Caroline; Leite, Henrique Vitor; Pereira, Alamanda Kfouri; Lopes, Ana Paula Brum Miranda; Oliveira, Maria Beatriz de; Borges, Karina Braga Gomes; Pardini, Victor Cavalcanti; Ferreira, Alessandro Clayton de Sousa
2008-12-01

Resumo em português As células-tronco mesenquimais (MSCs) são células com grande potencial de diferenciação e estão sendo recentemente introduzidas na clínica para tratamento de várias doenças. Possuem várias vantagens incluindo sua estabilidade fenotípica in vitro. OBJETIVO: isolamento das MSCs de líquido amniótico, sua expansão e a demonstração da sua capacidade de se diferenciar em células miogênicas e adipogênicas, sem alterar a estabilidade cromossomal em meio de cult (mais) ura. MÉTODOS: a fim de avaliar a mudança funcional destas células, foram avaliados parâmetros bioquímicos nas células adipogênicas já diferenciadas e antes da diferenciação através da dosagem de triglicérides. A diferenciação em células musculares foi avaliada comparando os níveis de creatinofosfoquinase - CK, desidrogenase lática - LDH e aldolase produzidas por estas células antes e após diferenciação. RESULTADOS: os níveis de triglicérides foram significativamente maiores nas células diferenciadas, mostrando ainda a formação de grânulos intracitoplasmáticos. Todos os outros valores obtidos foram significativamente maiores nas células miogênicas diferenciadas quando comparadas às não diferenciadas. CONCLUSÃO: os resultados sugerem que estes protocolos podem ser usados para avaliar diferenciação de células-tronco em células adipogênicas e miogênicas, e que o líquido amniótico pode ser uma fonte para obtenção destas células. Resumo em inglês The mesenchymals stem cells (MSCs) are cells with the great potential of differentiation are being introduced in the clinic for treatment of several diseases. Mesenchymal stem cells have several advantages including the stability of their phenotype in vitro. BACKGROUND: isolation of MSCs in amniotic fluid, its expansion and the demonstration of the capacity of these cells to differentiate in adipogenic and miogenic cells, without to change the chromosomal stability of the (mais) MSCs in culture. METHODS: in order to evaluate the functional change of these cells, were gotten values of the differentiated adipogenic cells and not differentiated through the dosage of triglycerides. The miogenic nature of the differentiated cells was analyzed comparing the creatine kinase - CK, lactic dehydrogenase - LDH and aldolase produced by the cells. RESULTS: the values of triglycerides were significantly higher in differentiated cells, showing intracitoplasmatic granule form after differentiation. All the biochemical characters were significantly higher in differentiated miogenic cells. CONCLUSIONS: this study suggests that the standardized protocol of differentiation can be used in the attainment of cells with characteristics of adipogenic and muscular cells, from amniotic fluid.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

69

Intoxicação experimental por monensina em búfalos e bovinos/ Experimental monensin poisoning in water buffaloes (Bubalus bubalis) and cattle

Rozza, Daniela B.; Corrêa, André M. Ribeiro; Leal, Juliano S.; Bandarra, Paulo M.; Guagnini, Fábio S.; Raymundo, Djeison L.; Driemeier, David
2007-04-01

Resumo em português Sinais clínicos e lesões característicos de intoxicação por monensina foram induzidos em búfalos dosados (1 dia) com 15, 10, 7,5 e 5mg/kg de monensina. Apenas os búfalos dosados com 2,5 (1 dia) e 1 mg/kg (7 dias) de monensina não morreram. Os sinais clínicos iniciaram cerca de 6 h após dosagem com monensina e incluíram apatia, anorexia, diarréia, sialorréia, fraqueza muscular, taquicardia, dificuldade locomotora, dispnéia, distensão da jugular, decúbito e (mais) morte. As dosagens de creatinina quinase (CK) dos búfalos aumentaram acentuadamente após dosagem com monensina. As alterações macroscópicas foram ascite, hidrotórax, hidropericárdio, cardiomegalia, hepatomegalia e áreas pálidas focais no miocárdio e nos músculos esqueléticos. Degeneração e necrose de miofibras foram os principais achados histopatológicos. Por outro lado, nenhuma evidência de doença, nem mesmo alteração nos níveis de CK, foram observados nos bovinos dosados com as mesmas dosagens de monensina, confirmando observações preliminares que esses animais são mais resistentes à monensina que os búfalos. Resumo em inglês Monensin is widely used as a feed additive to improve performance of livestock; however accidental poisoning by this ionophore compound has been reported in a number of animal species. Typical clinical signs and lesions of monensin poisoning were induced in water buffaloes dosed with single dosages of 15, 10, 7.5, and 5mg/kg of the compound. Only buffaloes dosed with 2.5 mg/kg (1 day) and 1mg/kg (7 days) survived. Clinical signs initiated about 6 h post-dosing and include (mais) d apathy, anorexia, diarrhea, drooling, muscular weakness, locomotion disorders, dyspnea, tachycardia, jugular distension and pulse, recumbency and death. The creatine kinase (CK) levels were highly augmented in blood samples of buffaloes dosed with monensin. Most prominent gross changes were ascites, hydrothorax, hydropericardium, cardiomegaly, hepatomegaly, and focal pale areas in the myocardium and in skeletal muscles. Degeneration and necrosis of myofibers were the principal histopathological findings. Conversely, no evidence of disease, neither change in CK levels were observed in the beef cattle steers dosed with same doses, confirming preliminary findings that buffaloes are more susceptible to monensin than cattle. In addition, this communication presents the minimal toxic dosage of monensin to buffaloes and suggests that CK tests may serve as health monitoring tools in the management of buffalo herds supplemented with monensin.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

70

Importância da proteína C-reativa no diagnóstico e no prognóstico intra-hospitalar em pacientes com dor torácica na sala de emergência/ C-reactive protein diagnostic and prognostic value in patients presenting at the emergency room with chest pain

Potsch, Alfredo Antonio; Siqueira Filho, Aristarco Gonçalves; Tura, Bernardo Rangel; Gamarski, Roberto; Bassan, Roberto; Nogueira, Mônica Viegas; Moutinho, Marco Aurélio E.; Silva, Antônio Cláudio Masetto; Villacorta, Humberto; Campos, Augusta Leite
2006-09-01

Resumo em português OBJETIVO: Testar os valores diagnóstico e prognóstico imediatos da proteína C-reativa (PCR) nos pacientes admitidos na sala de emergência (SE) com dor torácica (DT) e sem elevação do segmento ST no eletrocardiograma (ECG). MÉTODOS: De janeiro de 2002 a dezembro de 2003, 980 pacientes consecutivos foram atendidos com DT suspeita de síndrome coronariana aguda na SE (idade = 64,9 ± 14,3 anos, homens = 55%, diabéticos = 18%, ECG normal = 84%). Dosou-se a PCR na adm (mais) issão, a creatinofosfoquinase MB fração massa (CKMB) e a troponina I seriadas, além de se registrar ECG seriados. As medidas da PCR foram padronizadas (PCR-p) pelo valor do limite superior da normalidade (LSN) do teste utilizado (3,0 mg/L para a PCR de alta sensibilidade-PCR-AS e 0,1 mg/dl para PCR titulada-PCR-t). RESULTADOS: Foi diagnosticado infarto agudo do miocárdio (IAM) em 125 pacientes, e seus valores para a PCR-p foram 1,31 ± 2,90 (mediana = 0,47) versus 0,79 ± 1,39 (0,30) nos sem IAM (p = 0,031). A PCR-p > 1,0 apresentou sensibilidade de 30%, especificidade de 80,4%, valores preditivos positivo e negativo de 6,1% e de 96,7%, para o diagnóstico de IAM. Houve quarenta eventos cardíacos intra-hospitalares (óbitos = dezesseis, revascularizações de urgência = 22, IAM = dois). No 1º quartil da PCR-p ( 0,93) ocorreram quinze eventos (p = 0,003). Na regressão logística foram preditores independentes para eventos cardíacos a insuficiência ventricular esquerda, o sexo masculino e a PCR-p > 0,32, com razão de chances de 7,6, 2,8 e 2,2, respectivamente. CONCLUSÃO: Nos pacientes atendidos com DT na SE, a PCR-p: 1) Não foi um bom marcador de IAM, apesar de um valor normal praticamente afastar esse diagnóstico; 2) Um valor superior a um terço do seu limite superior da normalidade (LSN) (>1 mg/L da PCR-AS ou >0,33 mg/dl da PCR-t) foi preditor de eventos cardíacos adversos intra-hospitalares. Resumo em inglês OBJECTIVE: To test immediate diagnostic and prognostic values of C-reactive protein (CRP) in patients admitted to the emergency room (ER) with chest pain (CP) without ST-segment elevation on the electrocardiogram (ECG). METHODS: From January 2002 to December 2003, 980 patients were consecutively seen in the ER with CP suggestive of acute coronary syndrome (ACS) (age = 64.9 ± 14.3, men = 55%, diabetic = 18%, normal ECG = 84%). Serial CRP, creatine kinase MB mass (CKMB-mas (mais) s) and troponin I determinations were performed on admission, in addition to serial ECG. CRP measurements were standardized (s-CRP) by the upper limit of normal (ULN) of the test used (3.0 mg/L for high-sensitivity C-reactive protein [hs-CRP] and 0.1 mg/dL for titrated CRP [t-CRP]). RESULTS: One hundred and twenty-five patients were diagnosed with acute myocardial infarction (AMI), and their s-CRP values were 1.31 ± 2.90 (median = 0.47) compared to 0.79 ± 1.39 (0.30) in no-AMI patients (p = 0.031). The s-CRP > 1.0 showed 30% sensitivity and 80% specificity, plus negative and positive predictive values of 6.1% and 96.7%, respectively, for AMI diagnosis. There were forty in-hospital cardiac events (16 deaths, 22 urgent revascularizations, and 2 acute myocardial infarction). In the first quartile of the s-CRP ( 0.93) 15 events (p = 0.003) occurred. In the logistic regression model, masculine gender and s-CRP > 0.32 (odds ratio 7.6, 2.8 and 2.2, respectively) were independent predictors of cardiac events and left ventricular failure. CONCLUSION: In patients with chest pain presenting at the emergency room, s-CRP was not a good marker of AMI, although this diagnosis is virtually excluded by a normal value; in addition, values one-third above the upper limit of normal (>1 mg/L for hs-CRP or >0.33 mg/dL for t-CRP) were predictive of in-hospital adverse cardiac events.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

71

Fatores de risco associados à calcinose na dermatomiosite juvenil/ Risk factors associated with calcinosis of juvenile dermatomyositis

Sallum, Adriana M. E.; Pivato, Francine C. M. M.; Doria-Filho, Ulysses; Aikawa, Nádia E.; Liphaus, Bernadete L.; Marie, Suely K. N.; Silva, Clovis A. A.
2008-02-01

Resumo em português OBJETIVO: Identificar fatores de risco associados à calcinose em crianças e adolescentes com dermatomiosite juvenil. MÉTODOS: Prontuários de 54 pacientes com dermatomiosite juvenil foram estudados. Foram avaliados dados demográficos; características clínicas: grau de força muscular (I a V do Medical Research Council), presença de comprometimentos pulmonar (distúrbio ventilatório restritivo com presença ou ausência do anticorpo anti-Jo-1), gastrointestinal (re (mais) fluxo gastroesofágico) e cardíaco (pericardite e/ou miocardite); exames laboratoriais: elevação de enzimas musculares (creatinoquinase, aspartato aminotransferase, alanina aminotransferase e desidrogenase lática) e terapias utilizadas: corticoterapia isolada ou associada à cloroquina e/ou imunossupressor. Os pacientes foram divididos em dois grupos de acordo com a presença ou ausência de calcinose e foram avaliados através de análise univariada e multivariada. RESULTADOS: Calcinose foi evidenciada em 23 (43%) pacientes, sendo em seis (26%) antes do diagnóstico e em 17 (74%) após. A análise univariada revelou que comprometimentos cardíaco (p = 0,01) e pulmonar (p = 0,02) e necessidade da utilização de um ou mais imunossupressores (metotrexato, ciclosporina A e/ou pulsoterapia com ciclofosfamida endovenosa) no tratamento da dermatomiosite juvenil (p = 0,03) foram associados com uma maior incidência de calcinose. A análise multivariada mostrou que comprometimento cardíaco (OR = 15,56; IC95% 1,59-152,2) e uso de um ou mais imunossupressores (OR = 4,01; IC95% 1,08-14,87) foram as únicas variáveis independentes associadas à presença de calcinose. CONCLUSÕES: O aparecimento da calcinose foi freqüente na dermatomiosite juvenil, habitualmente na evolução da doença. A calcinose foi associada aos casos mais graves, que apresentaram envolvimento cardíaco e necessitaram da utilização de imunossupressores no seu tratamento. Resumo em inglês OBJECTIVE: To identify risk factors associated with calcinosis in children and adolescents with juvenile dermatomyositis. METHODS: A review was carried out of the medical records of 54 patients with juvenile dermatomyositis. Data were collected on demographic characteristics, clinical features: muscle strength (stages I to V of the Medical Research Council scale), pulmonary involvement (restrictive pulmonary disease with presence or absence of anti-Jo1 antibodies), gastro (mais) intestinal problems (gastroesophageal reflux) and/or heart disease (pericarditis and/or myocarditis); laboratory tests: elevated muscle enzyme levels in serum (creatine phosphokinase, aspartate aminotransferase, alanine aminotransferase and/or lactate dehydrogenase); and on the treatments given: corticoid therapy in isolation or associated with hydroxychloroquine and/or immunosuppressants. The patients were divided into two groups, depending on presence or absence of calcinosis and data were evaluated by both univariate and multivariate analyses. RESULTS: Calcinosis was identified in 23 (43%) patients, and in six (26%) patients it had emerged prior to diagnosis while in 17 (74%) it was post diagnosis. The univariate analysis revealed that cardiac (p = 0.01) and pulmonary (p = 0.02) involvement and the need for one or more immunosuppressor (methotrexate, cyclosporine A and/or pulse therapy with intravenous cyclophosphamide) to treat juvenile dermatomyositis (p = 0.03) were all associated with an increased incidence of calcinosis. The multivariate analysis then demonstrated that only cardiac involvement (OR = 15.56; 95%CI 1.59-152.2) and the use of one or more immunosuppressor (OR = 4.01; 95%CI 1.08-14.87) were independently associated with the presence of calcinosis. CONCLUSIONS: Calcinosis was a frequent development among these juvenile dermatomyositis cases, generally emerging as the disease progressed. Calcinosis was associated with the more severe cases that also had cardiac involvement and where immunosuppressors had to be included in the treatment.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

72

Fator de inibição da migração de macrófagos e interleucina-6 na síndrome de esmagamento: analogia com gravidade? Relato de casos/ Macrophage migration inhibitory factor and interleukin-6 in crush syndrome: analogy with severity? Case reports

Azevedo, Rita C. Vianna de; Paiva, Roberto Bueno de; Ades, Felipe; David, Cid Marcos N.
2007-12-01

Resumo em português JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: A síndrome de esmagamento é descrita como um conjunto de manifestações sistêmicas resultantes da lesão à célula muscular devida a pressão ou esmagamento. O fator de inibição da migração de macrófagos (MIF) é uma citocina multifuncional envolvida em amplo espectro de eventos patológicos relevantes para o sistema imune. A interleucina-6 (IL-6) é uma citocina pró-inflamatória envolvida nas fases precoces da resposta inflamatória (mais) por trauma e no desenvolvimento das fases precoce e tardia da disfunção orgânica múltipla (MODS). Há poucos estudos publicados sobre o perfil de citocinas na síndrome de esmagamento (SE). O objetivo deste trabalho foi relatar quatro casos de SE, avaliando os níveis séricos de MIF e IL-6 nestes pacientes e sua correlação com a gravidade. RELATO DOS CASOS: Foram estudados quatro pacientes internados no centro de terapia intensiva (CTI) do Hospital Central do Exército (HCE) com história de trauma que desenvolveram síndrome de esmagamento. O escore APACHE II foi realizado em cada paciente nas primeiras 24 horas de admissão no CTI. Foram coletadas amostras diárias de soro de cada um durante seis dias consecutivos e o escore SOFA foi aferido diariamente. Foram dosados no soro a creatinoquinase (CK) e as citocinas MIF e IL-6. Os dados foram analisados. CONCLUSÕES: Variações observadas nos níveis de CK foram acompanhadas por alterações nos níveis das citocinas inflamatórias bem como do escore SOFA, sugerindo interdependência entre essas variáveis. Estudos anteriores já haviam demonstrado resultado semelhante. Embora o emprego de citocinas como indicadores de gravidade no trauma possa ser assunto de interesse, há necessidade de estudos com amostragem maior para validar esta observação. Resumo em inglês BACKGROUND AND OBJECTIVES: Macrophage migration inhibitory factor (MIF) is a multifunctional cytokine involved in a broad-spectrum pathological events relevant to the immune system. Interleukin-6 (IL-6) is a proinflammatory cytokine that plays an important role in the initial inflammatory response to trauma and the development of early and late multiple organ dysfunction syndrome (MODS). Crush syndrome has been described as the systemic manifestation of muscle cell damage (mais) resulting from pressing or crushing. There are few data about MIF and IL-6 in crush syndrome. The aim of this study was to report four cases of crush syndrome, measuring seric levels of MIF and IL-6 and its correlation with severity. CASES REPORTS: Four patients suffering from crush syndrome after an accident with an explosive artifact were enrolled in the study. APACHE II score was checked at admission. It was collected serum sample of these patients during six consecutive days. Serum MIF, IL-6 and creatine kinase (CK) were measured. Sepsis-related organ failure assessment (SOFA) score was evaluated concomitantly. Data were analyzed. CONCLUSIONS: The variations observed in the CK measures were followed by alterations in the cytokines' level and at the SOFA score, suggesting interdependence between those factors. Other articles have already demonstrated similar results. Although the use of cytokines as biomarkers of severity in trauma is matter of interest, we need large studies with a higher number of patients to validate this observation.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

73

Espectroscopia por ressonância magnética de prótons em epilepsia mioclônica juvenil sugere o comprometimento de uma rede neuronal específica/ Proton magnetic resonance spectroscopy study of juvenile myoclonic epilepsy patients suggests involvement of a specific neuronal network

Lin, K.; Carrete Junior, H.; Lin, J.; Peruchi, M.M.; Araújo Filho, G.M.; Pascalicchio, T.F.; Guaranha, M.B.; Guilhoto, L.M.F.F.; Yacubian, E.M.T.
2008-09-01

Resumo em inglês OBJECTIVES: The neuroanatomical basis and the neurochemical abnormalities that underlay juvenile myoclonic epilepsy (JME) are not fully defined. While the thalamus plays a central role in synchronization of widespread regions of the cerebral cortex during a seizure, emerging evidence suggests that all cortical neurons may not be homogeneously involved. The purpose of this study was to investigate the cerebral metabolic differences between patients with JME and normal cont (mais) rols. METHODS: All patients had a JME diagnosis based on seizure history and semiology, EEG recording, normal magnetic resonance neuroimaging (MRI) and video-EEG. Forty JME patients (JME-P) were submitted to 1.5 T MRI proton spectroscopy (1H-MRS), multi-voxel with PRESS sequence (TR/TE = 1500/30 ms) over the following locations: prefrontal cortex (PC), frontal cortex (FC), thalamus, basal nuclei, posterior cingulate gyrus (PCG), insular, parietal and occipital cortices. We determined ratios for integral values of N-acetyl aspartate (NAA) and glutamine-glutamate (GLX) over creatine-phosphocreatine (Cr). The control group (CTL) consisted of 20 age and sex-matched healthy volunteers. RESULTS: Group analysis demonstrated a tendency for lower NAA/Cr ratio of JME-P compared to CTL predominantly on FC, PC, thalamus and occipital cortex. When compared to CTL, JME-P had a statistically significant difference in GLX/Cr on FC, PC, insula, basal nuclei, PCG and on thalamus. When evaluating the relationship among the various components of this epileptic network among JME-P, the strongest correlation occurred between thalamus and PC. Also, we found a significant negative correlation between NAA/Cr and duration of epilepsy. CONCLUSION: Reductions in NAA may represent loss or injury of neurons and/or axons, as well as metabolic dysfunction while glutamate is considered to be an excitatory neurotransmitter in the brain which is involved in the pathogenesis of epileptogenic seizures.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

74

Effect of alpha-tocopherol on the ischemia/reperfusion lesions induced in the hindlimb of rats/ Efeitos do alfa-tocoferol nas lesões de isquemia-reperfusão induzidas em pata direita de ratos

Bitu-Moreno, José; Gregório, Eliza Aparecida; Maffei, Francisco Humberto A.
2001-06-01

Resumo em português Recentes estudos demonstraram que os radicais livres de oxigênio parecem desempenhar papel importante nas lesões de isquemia-reperfusão. O alfa-tocoferol(AT) age in vivo como um anti-oxidante. Nosso objetivo foi o de verificar se o AT atenuava as lesões de isquemia-reperfusão em pata direita de ratos. Os animais, randomizados, foram divididos nos seguintes grupos(G): G1-controle sem isquemia; G2 e G3 - quatro horas isquemia e duas reperfusão. Os animais do G2 foram (mais) tratados com salina e os do G3 com AT, 50mg/kg. Como parâmetros examinamos as alterações de volume e circunferência do pé direito ao longo do experimento, assim como a captação de 99mTc-pirofosfato e a microscopia eletrônica de transmissão do músculo soleus direito. Os aumentos de volume e circunferência do pé dos animais do G2 foram estatisticamente maiores quando comparados com o G1. As medidas do G3 não diferiram do G1. A captação de 99mTc-pirofosfato foi bem aumentada nos G2 e G3, quando comparados ao G1, porém sem diferenças entre os grupos isquêmicos. As lesões ao MET foram menos intensas em três animais do G3, quando comparados ao G2. Conclusão: O tratamento com AT diminuiu a formação do edema mas só protegeu parcialmente as células musculares contra as lesões de isquemia-reperfusão. Resumo em inglês Studies indicate that oxygen-derived free radicals may play a major role in ischemia-reperfusion injury. Alpha-tocopherol acts in vivo as a free radical scavenger. Our purpose was to elucidate whether alpha-tocopherol could change the evolution of ischemia/reperfusion in the right hindlimb of rats. The animals were randomly allocated in the following groups: Group 1(G1)- control without ischemia. Groups 2 and 3(G2,3): four hours ischemia and two hours reperfusion. The ani (mais) mals of group 2 were treated with saline and those of the group 3, treated with alpha-tocopherol, 50 mg/Kg. Parameters were the foot volume and circumference, 99mTc-Pyrophosfate uptake in the soleus muscle, plasmatic creatine-phosphokinase (CPK), and transmition eletronic microscopy (TEM)of muscle cells. The foot volume and circumference of the animals of G2 were significantly greater than in G1. In the G3 these measurements did not differ from the G1. Pyrophosphate uptake and CPK measurements were increased in G2,G3 when compared to the animals of G1, but there were no differences between the ischemic groups. Cell injury, when examined by TEM, was less severe in two of three animals of G3, when compared to the G2. Conclusion: The treatment with alpha-tocopherol diminuished edema formation, but only partially protected muscle cells from injury.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

75

Distrofia muscular congênita e deficiência de merosina/ Congenital muscular dystrophy and merosin deficiency

Werneck, Lineu Cesar; Scola, Rosana Hermínia; Iwamoto, Fábio Massaiti
1997-01-01

Resumo em português Uma proporção variável de pacientes com distrofia muscular congênita (DMC) da forma clássica ou ocidental apresenta deficiência da cadeia α2 da merosina, uma proteína da matriz extracelular. Foi realizado estudo das características clínicas, laboratoriais e histopatológicas de 18 pacientes com DMC, relacionadas com o padrão de merosina encontrado na biópsia muscular. Estudo imuno-histoquímico demonstrou que 11 pacientes eram merosina-deficiente (MD) e se (mais) te pacientes eram merosina-positiva (MP). Nenhum dos nove pacientes MD com idade suficiente para serem avaliados alcançaram a capacidade de deambulação, enquanto quatro dos sete pacientes MP atingiram deambulação sem auxílio. Os níveis de creatinoquinase estavam mais aumentados nos pacientes MD, mas a diferença entre os dois grupos não foi estatisticamente significativa. Estudo da condução nervosa motora foi realizado em 12 pacientes. Todos os quatro pacientes MP apresentaram exames normais, enquanto dois de oito pacientes MD apresentaram diminuição da velocidade de condução nervosa motora. Entre 69 parâmetros de biópsia muscular avaliados, não foi encontrada diferença estatisticamente significativa entre os grupos MP e MD. Esses resultados sugerem que a diferenciação entre os casos MP e MD serve para fins de prognóstico, pois os pacientes MP chegam a deambular. Além disso, este estudo indica que não existe relação entre a ausência de merosina e as alterações histológicas encontradas na biópsia muscular. Resumo em inglês Merosin α2 chain, an extracellular matrix protein, is deficient in a proportion of patients with classical congenital muscular dystrophy (CMD). A study of clinical, laboratory and histopathological features of 18 patients with CMD was performed in relation to the merosin expression in muscle biopsy. Immunohistochemistry study showed that merosin was deficient in 11 patients and present in 7. None of the 9 merosin-deficient patient: evaluated achieved walking. In cont (mais) rast, 4 of 7 merosin-positive patients achieved independent ambulation. Creatine kinase levels were higher in merosin-deficient patients, but this difference was not statistically significant. Motor nerve conduction study was carried out on 12 children. All 4 merosin-positive patients had normal exams whereas 2 out 8 merosin-deficient patients presented decreased motor nerve conduction velocity. Among 69 histopathological features studied, we did not find any significant difference between merosin-deficient and merosin-positive patients. These results suggest that merosin status evaluation is important in the determination of the prognostic, since merosin-positive patients can achieve independent walking. This study also suggests that there is no relation between absence of merosin and histopathological features.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

76

Diagnóstico do infarto agudo do miocárdio. Valor da dosagem de mioglobina sérica comparada com a creatinofosfoquinase e sua fração MB/ Acute myocardial infarction diagnosis. The value of serum myoglobin levels, compared with creatine kinase and MB fraction

Cavalcanti, Alexandre Biasi; Heinisch, Roberto Henrique; Albino, Evandro de Campos; Zunino, João Nilson
1998-02-01

Resumo em português OBJETIVO: Comparar o desempenho, em termos de teste diagnóstico, da dosagem sérica de mioglobina (Mgb) com a creatinofosfoquinase (CK) e a sua fração MB (CK-MB), para o diagnóstico de infarto agudo do miocárdio (IAM). MÉTODOS: Estudo observacional, contemporâneo e não controlado de 64 pacientes, admitidos entre setembro/94 e fevereiro/95, em uma emergência especializada em cardiologia, com dor torácica não traumática. Excluíram-se pacientes com sintomas há (mais) mais de 6h, trauma muscular, ressuscitação cardiopulmonar e insuficiência renal. O diagnóstico de IAM foi estabelecido quando ao menos dois dos seguintes critérios estavam presentes: dor torácica típica há mais de 20min, alterações eletrocardiográficas compatíveis com necrose (ondas Q), ou elevações tardias de CK e CK-MB. RESULTADOS: Na amostra estudada, 18 tiveram diagnóstico de IAM. A sensibilidade (S) encontrada para CK, CK-MB e Mgb foi de 33%, 22% e 61% e a especificidade (E) de 85%, 96% e 98%, respectivamente. A diferença entre a S de Mgb e a de CK foi de 28%, com um intervalo de confiança de 95% (IC 95%) de -4% a 59%, e a diferença entre a S de Mgb e a de CK-MB foi de 39%, IC 95% de 9% a 69%. A diferença entre a E de Mgb e a de CK foi de 13%, IC 95% de 12% a 14%, e a diferença entre a E de Mgb e a de CK-MB foi de 2%, IC 95% de -5% a 9%. CONCLUSÃO: A mioglobina mostrou ser um marcador mais sensível e tão específico quanto a CK-MB, para o diagnóstico de IAM na população estudada. Em relação a CK, a Mgb foi mais específica e com igual sensibilidade. Resumo em inglês PURPOSE: To compare the diagnostic performance of two traditional plasma markers of myocardial infarction (MI), creatine kinase (CK) and its MB fraction (CK-MB), with plasma myoglobin (Mgb) levels, for the diagnosis of MI. METHODS: From September of 94 to February of 95, in an observational, prospective, and non-controlled fashion, 64 patients admitted to a cardiology emergency room (ER), with non-traumatic chest pain were studied. Patients presenting with more than 6h af (mais) ter the onset of symptoms, muscular trauma, cardiopulmonary resuscitation and renal insufficiency were not included. Definitive MI diagnosis was established if the patient had at least two of the three classic MI findings: ischemic chest discomfort longer than 20min, electrocardiogram with necrosis (Q waves) and elevated CK and CK-MB levels. RESULTS: There were 18 patients with MI. The sensitivity for CK, CK-MB and Mgb were respectively 33%, 22% and 61%. The specificity was 85%, for CK ,95% for CK-MB and 97% for Mgb. The difference between Mgb and CK sensitivities was 28%, with a 95% confidence interval (CI) from -4% to 59%, the difference between Mgb and CK-MB sensitivities was 39%, (CI 9% to 69%). The difference between Mgb and CK especificities was 13%, (CI 12% to 14%) and the difference between Mgb and CK-MB specificities was 2%, (CI -5% to 9%). CONCLUSION: In the studied population, Mgb was more sensitive than CK-MB for the diagnosis of MI with similar specificity and Mgb was more specific than CK for this diagnosis.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

77

Concentrações de creatino quinase, aspartato aminotransferase e desidrogenase lática em potros do nascimento até os seis meses de idade/ Concentration of creatine kinase, aspartate aminotransferase and lactate dehydrogenase in foals from birth up to sixth month

Da Cás, Elisiane Lourdes; Brass, Karin Erica; Greig, Carolina Roxana; Deprá, Neiva Medianeira; Silva, Carlos Antonio Mondino
2001-12-01

Resumo em português Dez potros da raça Puro Sangue de Corrida (PSC), de ambos os sexos, foram avaliados quanto à concentração das enzimas séricas creatino quinase (CK), aspartato aminotransferase (AST) e deshidrogenase lática (DHL). Foram colhidas amostras sangüíneas diariamente do 1º ao 7ºdia de vida e depois aos 15, 30, 60, 90, 120, 150 e 180 dias de idade. A concentração da CK mostrou um decréscimo significativo (p(mais) ificativa (p Resumo em inglês Ten Thoroughbred foals, male and female, had the seric concentration of creatine kinase (CK), aspartate aminotransferase (AST) and lactate dehydrogenase (LDH) determined. Blood samples were collected every day from days 1 to 7 and on days 15, 30, 60, 90, 120, 150 and 180 of age. CK activity decreased significantly (p(mais) ntil 102 days of age, decreasing subsequently until 6 months of age. LDH values decreased significantly (p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

78

Concentração sérica das enzimas creatinoquinase, aspartato aminotransferase e dehidrogenase lática em equinos da raça crioula/ CK, ASTand LDH seric concentration in crioulo breed horses

Da Cás, Elisiane Lourdes; Rosauro, Aura Chaves; Silva, Carlos António Mondino; Brass, Karin Eriça
2000-08-01

Resumo em português A concentração de creatinoquinase (CK), aspartato aminotransferase (AST) e dehidrogenase lática (LDH) foi determinada em amostras de soro obtidas de 60 equinos da raça Crioula: 20 éguas mantidas no pasto (Grupo A), 20 equinos em treinamento (Grupo B) e 20 participantes da competição do "Freio de Ouro de 1997" em Esteio - RS (Grupo C), dos quais foram colhidas amostras 24 a 48 horas antes do início da competição e 24 e 48 horas após a mesma. Não houve variaçã (mais) o significativa na LDH. O grupo B apresentou concentrações de CK e AST mais elevadas (p Resumo em inglês Creatine Kinase (CK), Aspartate Aminotransferase (AST) and Lactic Dehidrogenase (LDH) concentration was determined in serum samples obtained from 60 horses of the Criollo breed: 20 mares managed on pasture (Group A), 20 horses in training (Group B) and 20 horses participating of the Freio de Ouro 1997 competition (Group C), where samples were collected 24-48 hours before competition and 24 and 48 hours there after. There was no difference in LDH values between groups. Gro (mais) up B horses had higher (p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

79

Choque cardiogênico associado à hemorragia subaracnóidea/ Cardiogenic shock associated with subarachnoid hemorrhage

Westphal, Glauco Adrieno; Costa, Gerson; Gouvêa, Sérgio; Kaefer, Keitiane Michele; Silva, Rodrigo Soares da; Caldeira Filho, Milton
2010-09-01

Resumo em português Complicações sistêmicas são vistas frequentemente em indivíduos acometidos por hemorragia subaracnóidea. Dentre estas alterações podem ocorrer anormalidades eletrocardiográficas que simulam miocardiopatia isquêmica que podem ou não estar associadas com disfunção miocárdica. O objetivo deste é relatar um caso de associação de hemorragia subaracnóidea com disfunção miocárdica e choque cardiogênico. Mulher de 45 anos foi internada com quadro de coma sec (mais) undário a hemorragia subaracnóidea. À admissão apresentava Glasgow = 7, Hunt-Hess = 5 e classificação tomográfica de Fisher = 3. O aneurisma cerebral de artéria comunicante anterior evidenciado pela arteriografia cerebral foi embolizado com sucesso no segundo dia de internação. Evoluiu com dispnéia e infiltrado pulmonar difuso. Havia alteração da repolarização ventricular em parede lateral, aumento da CK-MB (36 U/L) e hipotensão. O índice cardíaco de 2,03 L/min/m², a resistência vascular sistêmica 3728 dynes.seg/cm5/m², e a irresponsividade a volume evidenciavam o padrão hemodinâmico de choque cardiogênico. A fração de ejeção do ventrículo esquerdo era de 39%. A cineangiocoronariografia não apresentava lesões coronarianas obstrutivas. Após 6 dias a paciente foi extubada e ao oitavo dia foi possível a retirada completa da dobutamina. A fração de ejeção passou a 65%. Sucessivos exames de Doppler transcraniano não apresentaram vasoespasmo. A paciente recebeu alta da unidade de terapia intensiva no décimo quarto dia. Pacientes com hemorragia subaracnóidea podem apresentar disfunção ventricular e choque cardiogênico, aumentando o risco de isquemia cerebral. O diagnóstico e a otimização hemodinâmica são essenciais para minimizar os riscos de vasoespasmo e isquemia cerebral. Resumo em inglês Systemic complications are frequent in subarachnoid hemorrhage patients. Among these complications, electrocardiographic abnormalities simulating ischemic cardiomyopathy may occur, possibly associated with myocardial dysfunction. This manuscript aims to report a case of subarachnoid hemorrhage associated with myocardial dysfunction and cardiogenic shock. A 45 years old woman was admitted with subarachnoid hemorrhage and coma, showing Glasgow scale = 7, Hunt-Hess = 5 and F (mais) ischer computed tomography classification = 3. On the second day, the patient underwent anterior cerebral communicant artery aneurysm embolization. The clinical evaluation revealed diffuse pulmonary infiltration, dyspnea and hypotension. Additional tests showed electrocardiographic lateral wall repolarization changes and elevated creatine kinase-MB fraction (36U/L). The cardiac index was 2.03 L/minute/m², Vascular systemic resistance was 3728 dynes.sec/cm². The non-responsiveness to volume demonstrated a cardiogenic shock pattern. The ventricular ejection fraction was 39%. The coronariography was normal, showing no obstructive lesions. Six days later the patient was removed from respiratory support and after eight days the dobutamine infusion was discontinued. The ejection fraction recovered up to 65%. Serial transcranial Doppler evaluations did not show vascular spasm. After ten days the patient was discharged from the intensive care unit. Patients with subarachnoid hemorrhage may be complicated with ventricular dysfunction and cardiogenic shock, increasing the cerebral ischemia risk. Diagnosis optimization and hemodynamic stabilization are essential to minimize the risk of cerebral vasospasm and ischemia.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

80

Cardioversão elétrica e lesão miocárdica: avaliação pelos novos marcadores de injúria cardíaca/ Electrical cardioversion and myocardial injury: evaluation by new cardiac injury markers

Santos, Elizabete Silva dos; Pereira, Marcos Paulo; Minuzzo, Luiz; Moreira, Dalmo A. R.; Ramos, Rui; Avezum, Álvaro; Timerman, Ari; Piegas, Leopoldo S.
2006-03-01

Resumo em português OBJETIVO: Avaliar, através da evolução dos novos marcadores bioquímicos de injúria cardíaca, se a cardioversão elétrica (CVE) causa lesão miocárdica. MÉTODOS: Foram avaliados 76 pacientes (P) submetidos a CVE eletiva de fibrilação atrial ou flutter atrial. Medidas de creatinafosfoquinase (CPK), CKMB-atividade e dosagem de CKMB-massa (M), mioglobina e troponina I cardíaca (cTnI) foram determinadas antes e após 6 e 24 horas da CVE. RESULTADOS: A CVE resultou (mais) um sucesso em 58 P (76,3%). A carga cumulativa (CC) foi de até 350 joules (J) em 36 P, de 500 a 650 J em 20 P e de 900 a 960 J em 20 P, com energia média aplicada de 493 J (± 309). A cTnI permaneceu dentro da normalidade nos 76 P. Com o aumento da CC, ocorreu elevação de CPK (> valor de p = 0,007), CKMB-atividade (> valor de p = 0,002), CKMB-M (> valor de p = 0,03) e mioglobina (> valor de p = 0,015). Correlação positiva foi observada entre a CC e picos de CPK (r = 0,660; p Resumo em inglês OBJECTIVE: Evaluate, based on the evolution of new biochemical markers of cardiac damage, if electrical cardioversion (ECV) causes myocardial injury. METHODS: Seventy-six patients (P) submitted to elective ECV for atrial fibrillation or atrial flutter were evaluated. Creatine phosphokinase (CPK), CK-MB activity, CK-MB mass, myoglobin and cardiac troponin I (cTnI) were measured before, and 6 and 24 hours after ECV. RESULTS: ECV was successful in 58 P (76.3%). Cumulative en (mais) ergy (CE) was up to 350 joules (J) in 36 P, from 500 to 650 J in 20 P and from 900 to 960 J in 20 P; the mean energy delivered being 493 J (± 309). The levels of cTnI remained within normal limits in all 76 P. The increase of cumulative energy led to an elevation of CPK levels (> p value = 0.007), CK-MB activity (> p value = 0.002), CK-MB mass (> p value = 0.03), and myoglobin (> p value = 0.015). A positive correlation between the cumulative energy and CPK peaks was observed (r = 0.660; p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

81

Ação do ácido trissódio-cálcio-dietileno-triaminopentaacético (CaNa3DTPA) nas lesões de isquemia-reperfusão em membro posterior de rato/ Effect of CaNa3DTPA on ischemia/reperfusion lesions induced in the hindlimb of rats

Francischetti, Ieda; Maffei, Francisco Humberto de Abreu; Bitu-Moreno, Jose; Fuhrmann Neto, Mário; Coelho, Maria Paula Villela; Kai, Fábio Hsu Tsu; Sequeira, Julio Lopes; Yoshida, Winston Bonetti
2002-09-01

Resumo em português OBJETIVO: Ação do ácido trissódio-cálcio-dietileno-triaminopentaacético (CaNa3DTPA), quelante de ferro com ação ainda anti-viral, antiinflamatória e imunológica, na atenuação de lesões de reperfusão em músculos esqueléticos de ratos. MÉTODOS: 52 ratos Wistar, pesando 188±22g, foram anestesiados e submetidos a semi-amputação de membro posterior direito (MPD), poupando-se o fêmur, artéria e veia femorais. Foram então randomizados e distribuídos: G1-C (mais) TAN - controle anestesia, sem cirurgia e sem isquemia; G2-CTCIR - controle cirurgia, sem isquemia; G3-IRCT e G3-IRDTPA - com isquemia (4 hora) e reperfusão ( 2 horas). O G3-IRCT foi tratado, ao final da isquemia, com cloreto de sódio 0,9% e G3-IRDTPA com (CaNa3DTPA).Parâmetros: Circunferência do pé direito e peso do rato, dosagem sérica de CPK, dosagem de malonaldeído e microscopia óptica de músculos soleus bilateral. RESULTADOS: Aumento da circunferência nos G3-IRCT e G3-IRDTPA (significante no G3-IRCT quando comparado ao G1-CTAN); CPK elevado nos G3-IRCT e G3-IRDTPA comparados aos controles; MDA mais alto no membro contralateral do G3-IRDTPA, comparado ao MPD do G3-IRDTPA e ao G1-CTAN; maior edema intersticial em G3-IRCT, maior infiltrado inflamatório em G3-IRDTPA e recuperação dos níveis de glicogênio semelhantes em G3-IRCT e G3-IRDTPA. CONCLUSÃO: Apesar do menor edema no G3-IRDTPA comparado ao G3-IRCT, o CaNa3DTPA não alterou CPK sérico, MDA muscular e morfologia muscular dos animais. Resumo em inglês OBJECTIVE: Our purpose was to elucidate whether calcium trinatrium diethylenetriaminepentaacetic acid (CaNa3DTPA), a hydrophilic extracelular chelator with some imunological and anti-inflammatory properties, protects skeletal muscle submitted to ischemia/reperfusion. METHODS: Fifty two male Wistar rats were randomly allocated in the following groups:G1-CTAN- control anesthesia whithout surgery. G2-CTCIR - control surgery without ischemia. G3-IRCT and G3-IRDTPA: four hours (mais) ischemia and two hours reperfusion. The animals of group 3 were treated with saline and those of the group 4, treated with CaNa3DTPA. Parameters were: foot circumference, rats weight, plasmatic creatine-phosphokinase (CPK), muscular malondialdehyde (MDA), and optic microscopy of muscle cells. RESULTS: There was a significant post-ischemic increase in foot circumference in G3-IRCT. CPK measurements were significantly increased in G3-IRCT and G3-IRDTPA, when compared to G1-CTAN and G2-CTCIR, but there were no differences between G3-IRCT and G3-IRDTPA. MDA was increased in the left no-ischemic muscles in G3-IRCT, when compared to contralateral muscles of G3-IRCT and of G1-CTAN.The histological evaluation showed inflammatory cell infiltrate in G3-IRDTPA and edema in G3-IRCT. The glycogen recovery was similar in both groups. CONCLUSION: There was less edema in the animals with ischemia-reperfusion treated group, but CaNa3DTPA don't protect muscle cells from injury in relations with CPK, MDA managements and histological alterations.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

82

Avaliação de fibrinogênio, tempo de tromboplastina parcial e tempo de protrombina em pacientes com infarto agudo do miocárdio/ Evaluation of fibrinogen, activated partial thromboplastin time and prothrombin time in patients with acute myocardial infarction

Dias, Marinês Lavall; Silva, José Edson Paz da; Wohlfahrt, Aline B.; Brucker, Natália
2007-04-01

Resumo em português Este trabalho procurou ressaltar a importância de parâmetros laboratoriais como marcadores de risco no infarto agudo do miocárdio (IAM). O IAM é um dos maiores problemas de saúde pública no mundo, sendo que dois terços dos pacientes que buscam atendimento emergencial não têm causa cardíaca, não havendo necessidade de hospitalização. Concentrações de fibrinogênio medidas durante a fase aguda do IAM foram associadas a morte cardiovascular ou novo evento de I (mais) AM. A incidência de eventos foi maior em homens na faixa etária de 44 a 75 anos e nas mulheres entre 56 a 90 anos. Aproximadamente 73% dos pacientes apresentavam história familiar de doença arterial coronariana (DAC), 66% fumavam, 63% apresentavam hipertensão e a maioria era sedentária. Foi observado que nos dias frios ou com temperaturas extremas houve maior número de infartados. Para as concentrações de fibrinogênio (Fbr), tempo de protrombina (TP), troponina (TROP), creatinoquinase (CK), fração MB da creatinoquinase (CK-MB) e contagem de leucócitos, a média dos resultados obtidos apresentou diferença significativa entre os grupos. No entanto, para tempo parcial de tromboplastina ativada (TTPa), colesterol total, lipoproteína de alta densidade (HDL), lipoproteína de baixa densidade (LDL) e triglicérides, as médias observadas não apresentaram diferença significativa entre o grupo controle e infartados. Neste trabalho foi possível demonstrar uma tendência de aumento crescente da concentração de fibrinogênio nos pacientes, que se mostrou adequada como um dos marcadores laboratoriais para IAM. Resumo em inglês We focused on the importance of laboratorial parameters as risk factors for acute myocardial infarction (AMI). AMI is one of the major problems of public health in the world. However, approximately two thirds of patients that attend emergency rooms do not have any cardiac injury or life risk illness, therefore not requiring to be hospitalized. Fibrinogen concentrations measured during the acute phase of AMI were related to cardiovascular death or a new AMI event. This inc (mais) idence was higher in the age range of 44 to 75 years in men, and 56 to 90 in women. Approximately 73% of patients presented family history of coronary heart disease (CHD), 66% were smokers, 63% presented hypertension and most of them were sedentary. Increased incidence of AMI in extreme temperatures was also observed. For fibrinogen concentrations (Fbr), results demonstrated significant difference (p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

83

Avaliação de constituintes séricos em eqüinos e muares submetidos à prova de resistência de 76km, no Pantanal do Mato Grosso, Brasil/ Serum biochemistry evaluation in horses and mules submitted to endurance ride of 76km in the Pantanal region, state of Mato Grosso, Brazil

Ribeiro, Cássio Ricardo; Martins, Edivaldo Aparecido Nunes; Ribas, José Antônio Silva; Germinaro, Ademir
2004-08-01

Resumo em português Estudaram-se as alterações nas concentrações séricas do sódio, potássio, cálcio ionizado, uréia, creatinina, glicose, creatino quinase (CK), aspartato aminotransferase (AST) e lactatodesidrogenase (LDH) em quinze eqüinos e cinco muares, durante prova de resistência de 76km de extensão, com dois dias de duração, no Pantanal de Mato Grosso. As amostras de sangue foram coletadas no primeiro dia, antes do início da prova (T1); ao fim do primeiro dia, após perc (mais) orrer 38km (T2); no segundo dia, antes do início da prova (T3) e ao final da prova (T4). Nos eqüinos, foi observada queda na concentração sérica de sódio e LDH em T3 com retorno aos valores basais em T4. O potássio e o cálcio apresentaram queda da concentração em T2. Houve aumento da concentração sérica de uréia e creatinina em T2 e de glicose em T3. Os valores séricos de CK e AST permaneceram semelhantes aos de T1. Nos muares, as concentrações séricas do sódio, cálcio, uréia, glicose e LDH apresentaram perfil semelhante ao dos eqüinos, enquanto o potássio, creatinina, CK e AST permaneceram próximos aos de T1. Não foi observada diferença entre a bioquímica sérica de eqüinos e muares. Assim, pode-se concluir que a prova de resistência avaliada não impôs exercício de duração e/ou intensidade acima das condições fisiológicas dos animais participantes. Resumo em inglês The alterations in serum concentrations of sodium, potassium, ionized calcium, urea, creatinine, glucose, creatine kinase (CK), aspartate aminotransferase (AST) and lactate dehydrogenase (LDH) were studied in fifteen equines and five mules, participating in a 76km, 2-day long endurance competition, in the Pantanal of Mato Grosso State - Brazil. The blood samples were collected in the first day, before the beginning of the competition (T1); at the end of the first day, aft (mais) er covering 38km (T2); the second day, before the beginning of the ride (T3); and at the closure of the competition (T4). In the horses a decrease was observed in serum concentration of sodium and LDH in T4 with a return to basal values in T4. Potassium and calcium presented a decrease in concentration in T2. There was an increase of serum concentration of urea and creatinine in T2 and of glucose in T3. The serum values of CK and AST remained similar to T1. In the mules, the serum concentrations of sodium, calcium, urea, glucose and LDH presented a profile similar to the equines, while potassium, creatinine, CK and AST remained near T1 values. A difference was not observed between equines and mules serum biochemistry. It can be concluded that the studied endurance race did not impose duration and/or intensity above the physiological conditions of the participating animals.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

84

Aspectos clínicos da intoxicação experimental pelas favas de Stryphnodendron fissuratum (Leg. Mimosoideae) em caprinos/ Clinical aspects of the experimental poisoning by the pods of Stryphnodendron fissuratum (Leg. Mimosoideae) in goats

Mendonça, Fábio S.; Evêncio-Neto, Joaquim; Estevão, Lígia R.M.; Melo, Lúcio E.H.; Freitas, Sílvio H.; Arruda, Laura P.; Boabaid, Fabiana M.; Colodel, Édson Moleta
2010-03-01

Resumo em português Com o objetivo de caracterizar o quadro clínico da intoxicação por Stryphnodendron fissuratum Mart. (Leg. Mimosoideae) em caprinos, administraram-se as favas dessa planta a oito caprinos, por via oral forçada em doses únicas e a outros dois caprinos, em doses fracionadas. A menor dose que causou sinais clínicos e morte foi a de 10g/kg. Doses de 20g/kg e 40g/kg causaram sinais acentuados e doses únicas de 5g/kg não provocaram sinais. Doses fracionadas de 5g/kg dura (mais) nte quatro dias, totalizando 20g/kg provocaram sinais acentuados e morte. Em ambos os grupos, os primeiros sinais de intoxicação foram observados a partir do primeiro dia de experimento e a evolução variou de 4-25 dias. A doença caracterizou-se principalmente por alterações digestórias e nervosas que consistiram em anorexia, desidratação, hipomotilidade e atonia ruminal, timpanismo, gemidos constantes, dor à percussão abdominal, fezes com muco, ranger de dentes, apatia, ataxia, dismetria, tremores de cabeça, tremores musculares, fraqueza com o andar cambaleante e trôpego, acentuada depressão e decúbito esternal ou lateral prolongado e morte. Alguns animais apresentaram acentuada queda de pêlos na região dorsal; apenas um caprino apresentou fezes líquidas, marrom-escuras e fétidas. Outros sinais incluíram perda de fluido ruminal durante a ruminação, sialorréia, exsudato nasal seroso e lacrimejamento. As provas de função hepática e renal revelaram alterações discretas. As concentrações séricas de aspartato aminotransferase encontraram-se levemente aumentadas e as de creatinofosfocinase muito aumentadas. Resumo em inglês In order to confirm the susceptibility of goats to the poisoning by Stryphnodendron fissuratum Mart. (Leg. Mimosoideae) and to characterize the clinical disease, the pods of the plant were given orally to each of eight young goats and in fractioned doses to other two. The lowest lethal dose was 10g/kg. The same dose was the lowest that induced disease. Doses of 20g/kg and 40g/kg caused pronounced clinical signs and doses of 5g/kg did not caused signs. Fractioned doses of (mais) 5g/kg during four days also caused pronounced signs. In each groups the first signs of poisoning were observed from the first day of experiments and the changes ranged from 4-25 days. The disease was characterized mainly by digestive and nervous disorders. Clinical signs were partial to complete anorexia, dehydration, decrease in ruminal activity up to atonia, tympanism, constant vocalizations, grinding of the teeth pain up on abdominal palpation, apathy, ataxia, depression, dysmetria, head and muscle tremors, weakness, difficulty in rising, sternal or lateral recumbency and death. Some goats presented extense hair loss in the skin of the dorsum; one goat presented liquid and black fetid feces. Other signs included loss of ruminal fluid during rumination, drooling, serous nasal and ocular discharges. Liver and kidney function tests had resulted in slight changes. AST serum levels were slightly increased and creatine phosphokinase levels were highly increased. These changes can associated to the effects of triterpenic saponins contained in the S. fissuratum pods.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

85

Aspectos clínico-patológicos e laboratoriais do envenenamento experimental por Bothrops alternatus em bovinos/ Clinic and pathological and laboratory aspects of experimental poisoning by Bothrops alternatus venom in cattle

Caldas, Saulo A.; Tokarnia, Carlos H.; França, Ticiana N.; Brito, Marilene F.; Graça, Flávio A.S.; Coelho, Cleide D.; Peixoto, Paulo V.
2008-06-01

Resumo em português Esse estudo teve como objetivo determinar as alterações clínico-patológicas e os achados laboratoriais em bovinos inoculados com a peçonha de Bothrops alternatus, no intuito de fornecer subsídios para o estabelecimento do diagnóstico e do diagnóstico diferencial, bem como esclarecer pontos obscuros da literatura pertinente. O veneno liofilizado foi diluído em 1 ml de solução fisiológica e administrado a cinco bovinos, por via subcutânea, nas doses de 0,0625, (mais) 0,125 e 0,25 mg/kg e a dois outros, por via intramuscular, nas doses de 0,25 e 0,45 mg/kg. Seis bovinos foram a óbito e um que recebeu a dose de 0,0625mg/kg, por via subcutânea, recuperou-se. Os sinais clínicos tiveram início entre 25 minutos a 5 horas 30 minutos após a inoculação. O período de evolução variou de 7 horas 18 minutos a 66 horas 12 minutos. Um animal recuperou-se após 92 horas. O quadro clínico, independentemente das doses, caracterizou-se por aumento de volume (hemorragia/hematoma) no local da inoculação, tempo de sangramento aumentado, mucosas hipocoradas e apatia. O exame laboratorial revelou progressiva anemia normocítica normocrômica, trombocitopenia, redução de fibrinogênio e proteínas plasmáticas totais, hematócrito e hemoglobina diminuídos, além de leve aumento dos níveis de creatinaquinase e desidrogenase lática. Á necropsia, havia, a partir do local da inoculação, extensos hematomas e áreas de hemorragia no tecido celular subcutâneo dos animais que receberam o veneno por via subcutânea; nos animais inoculados por via intramuscular, adicionalmente, havia hemorragia intramuscular. O endocárdio esquerdo apresentava extensas hemorragias e verificaram-se petéquias na serosa do rúmen e do omaso e na mucosa do abomaso e da vesícula biliar. Em cinco animais, o cólon, reto e região perirrenal estavam envoltos por coágulos de sangue. Ao exame histológico observou-se, além do quadro hemorragíparo, necrose muscular coagulativa, acompanhada de hemorragia, no entorno do local da inoculação nos animais que receberam o veneno por via intramuscular; essa lesão era discreta nos músculos próximos ao local de inoculação subcutânea. Nos bovinos deste estudo, o aumento de volume observado no local de inoculação e adjacências era constituído por sangue e não edema. Não foram observadas mioglobinúria, nem lesões macro ou microscópicas significativas nos rins. Este estudo indica que exemplares de B. alternatus, caso inoculem todo seu veneno, poderiam levar bovinos adultos à morte. Por outro lado, pelo fato de ofídios serem capazes de regular a quantidade de veneno inoculada e, possivelmente, não considerarem bovinos como presa potencial, é provável que o número de acidentes nessa espécie seja pequeno, o que está de acordo com o observado na maioria dos centros diagnóstico anátomo-patológico no país. Resumo em inglês The aim of this study was to determine the clinical-pathological alterations and laboratory findings in cattle inoculated with Bothrops alternatus venom, with the intention of providing information for the establishment of diagnosis and differential diagnosis procedures, as well as to elucidate some obscurities observed in the pertinent literature. The lyophilized venom was diluted in 1 ml of physiologic solution. It was administered to 5 bovines by the subcutaneous route (mais) at doses of 0.0625, 0.125 and 0.25mg/kg body weight, and to 2 bovines by the intramuscular route at doses of 0.25 e 0.45mg/kg. Six bovines died and the only animal that survived, who had subcutaneously received the venom at a dose of 0.0625mg/kg, recovered. The first clinical signs were observed from 25min to 5h30min after the inoculation. The clinical evolution time varied from 7 hours 18 minutes to 92 hours. Regardless of the dose, the clinical picture was characterized by swelling (hemorrhage/hematoma) at the site of inoculation, increase in bleeding time and capillary refill time, paleness of mucous membranes and apathy. The laboratory exams revealed progressive normocytic normochromic anemia, thrombocytopenia, reduction in fibrinogen and total plasma proteins, decreased hematocrit and hemoglobin, and slight increase in creatine kinase and lactate dehydrogenase. When subjected to necropsy, the animals that received the venom through the subcutaneous route showed large hematomas and hemorrhagic areas in the subcutaneous tissue, extending from the site of inoculation. The animals in which inoculation was performed intramuscularly exhibited, in addition, intramuscular hemorrhage. The left endocardium showed extensive hemorrhagic lesions, and petechiae were found on the serosae of rumen, omasum, abomasum and gall bladder. The colon, rectum and perirenal areas were surrounded by clotted blood in three animals. Besides hemorrhage, the histological examination revealed hemorrhage and coagulative muscle necrosis in the vicinities of the inoculation site in the animals that received the venom by the intramuscular route. These lesions were mild in the muscles close to the site of inoculation in the animals inoculated by the subcutaneous route. The swelling on the site of inoculation and its surroundings was a consequence of blood accumulation and not merely edema. Myoglobinuria and gross or microscopic lesions were not observed in the kidneys. This study indicates that B. alternatus can lead adult bovines to death if they release all their venom during a bite. Conversely, since venomous ophidians can control the amount of poison they inoculate and they probably do not identify bovines as potential preys, it is likely that the number of accidents involving this species is small, which is in agreement with the findings of the majority of the centers for anatomical-pathological diagnosis in Brazil.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

86

Aspectos clínico-patológicos e laboratoriais do envenenamento crotálico experimental em bovinos/ Clinical and pathological aspects of experimental Crotalus poisoning in cattle

Graça, Flávio A.S.; Peixoto, Paulo V.; Coelho, Cleide D.; Caldas, Saulo A.; Tokarnia, Carlos Hubinger
2008-06-01

Resumo em português Reproduziu-se experimentalmente o envenenamento crotálico, através da inoculação, por via subcutânea, do veneno de Crotalus durissus terrificus (cascavel sul-americana) em dez bovinos mestiços. Dois animais foram utilizados como controle. O bovino que recebeu dose de 0,03mg/kg de peso corporal, morreu 7h40min após a inoculação. A dose de 0,015mg/kg causou a morte em quatro de sete bovinos inoculados, enquanto os dois animais que receberam 0,0075mg/kg adoeceram di (mais) scretamente e se recuperaram. Os sintomas tiveram início entre 1h30min e 13h45min após a inoculação. A evolução oscilou entre 5h25min e 45h para os animais que morreram e entre 33h15min e 17 dias entre os animais que se recuperaram. Os principais sinais nervosos observados foram diminuição da resposta aos estímulos externos, reflexos hipotônicos, arrastar dos cascos no solo, aparente apatia, paralisia do globo ocular e da língua, decúbito esternal e lateral. Verificaram-se também adipsia e, por vezes, petéquias nas mucosas vaginal e conjuntival. Houve discreto a moderado aumento do tempo de sangramento e moderado aumento do tempo de tromboplastina parcial ativada. Houve moderada leucocitose com neutrofilia, linfopenia relativa, eosinopenia, monocitose e discreto aumento do número de bastões. Foi evidenciado significativo aumento dos níveis séricos de creatinaquinase, contudo, não foram observadas alterações significativas através da urinálise. À necropsia constataram-se edema quase imperceptível no local da inoculação, discretas petéquias e sufusões no epicárdio, omento, vesícula biliar e mucosa da bexiga em alguns dos animais envenenados experimentalmente. Os exames histopatológicos revelaram necrose (hialinização) de grupos de miócitos ou em miócitos isolados em dez diferentes músculos esqueléticos examinados, próximos ou distantes do local de inoculação em todos os animais necropsiados. Concluí-se que o envenenamento por Crotalus Sul-americanas em bovinos não cursa com mioglobinúria e que o quadro marcado de paralisia flácida mimetiza o observado no botulismo. Adicionalmente foram feitas observações sobre o diagnóstico do envenenamento crotálico e sua diferenciação com enfermidades que cursam com paralisia e necrose muscular em bovinos do Brasil. Resumo em inglês Crotalus poisoning was experimentally reproduced by subcutaneous inoculation of Crotalus durissus terrificus (South American rattlesnake) venom into 10 clinically healthy mixed bred 12 to 36-month-old cattle, weighing 125 to 449 kg. Two animals were used as controls. The animal that received a dose of 0.03mg/kg body weight died 7h40min after inoculation. A 0.015mg/kg dose provoked death in 4 out of 7 young oxen. Two animals given 0.0075mg/kg became slightly sick and recov (mais) ered. Onset of symptoms occurred from 1h30min to 13h45min after inoculation. The clinical course varied from 5h25min to 45h for animals that died, and from 33h15min to 17 days for animals that recovered. The main nervous signs observed were diminished response to external stimuli, hypotonic reflexes, dragging of the hooves, apathy, difficulties in moving around obstacles, ocular globe paralysis, lateral and sternal decubitus, and tongue paralysis. Adipsia and sometimes petechiae in the conjunctival and vaginal mucosa were observed. A slight to moderate increase in bleeding time was noted in 6 animals, and a moderate increase in partial thromboplastin time was found in 7 others. Moderate leukocytosis with neutrophilia, relative lymphopenia, eosinopenia, and monocytosis was found. There was a significant increase in creatine kinase serum levels of a ten-fold order. No significant alterations were revealed by urinalysis. Necropsy revealed minimal edema at the inoculation site, few petechiae and equimoses in the epicardium, omentum, biliary vesicle and bladder mucosa of some animals. Histopathological examination revealed necrosis (hyalinization) of groups or isolated myocytes in different muscles examined, both near and far from the inoculation site, in all animals. The diagnosis of Crotalus poisoning and its differentiation from diseases causing paralysis and muscular necrosis in cattle in Brazil are discussed.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

87

Aprotinina não influencia troponina I, NTproBNP e função renal em crianças operadas com circulação extracorpórea/ High-dose aprotinin does not affect troponin I, N-Terminal pro-B-type natriuretic peptid and renal function in children submitted to surgical correction with extracorporeal circulation

Ferreira, Cesar Augusto; Vicente, Walter Villela de Andrade; Évora, Paulo Roberto Barbosa; Rodrigues, Alfredo José; Klamt, Jyrson Guilherme; Carlotti, Ana Paula de Carvalho Panzeri; Carmona, Fábio; Manso, Paulo Henrique
2009-12-01

Resumo em português OBJETIVO: Avaliar se o uso de aprotinina em altas doses hemostáticas pode influenciar as funções miocárdicas, renais e metabólicas em crianças operadas com circulação extracorpórea (CEC). MÉTODOS: Estudo prospectivo randomizado em crianças de 30 dias a 4 anos de idade, submetidas à correção de cardiopatia congênita acianogênica, com CEC e divididas em dois grupos, um denominado Controle (n=9) e o outro, Aprotinina (n=10). Neste, a droga foi administrada an (mais) tes e durante a CEC. As disfunções miocárdicas e multiorgânicas foram analisadas por marcadores clínicos e bioquímicos. Foram consideradas significantes as diferenças com P Resumo em inglês OBJECTIVE: To evaluate if the use of hemostatic high-dose aprotinin seems influence to myocardial, renal and metabolic functions in children submitted to surgical correction with extracorporeal circulation (ECC). Material and Methods A prospective randomized study was conducted on children aged 30 days to 4 years submitted to correction of acyanogenic congenital heart disease with ECC and divided into two groups: Control (n=9) and Aprotinin (n=10). In the Aprotinin Group (mais) the drug was administered before and during ECC and the myocardial and multiorgan dysfunctions were analyzed on the basis of clinical and biochemical markers. Differences were considered to be significant when P

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

88

Análise bioquímica dos líquidos fetais e citologia do fluido amniótico da fêmea de Mocó (Kerodon rupestris)/ Biochemical analysis of fetal fluids and cytology of the amniotic fluid of female Mocó (Kerodon rupestris)

Zogno, Maria Amélia; Miglino, Maria Angélica; Oliveira, Moacir Franco
2004-08-01

Resumo em português Foram utilizados 10 sistemas genitais femininos de mocós (Kerodon rupestris) para estabelecer parâmetros de referência relativos à osmolaridade, pH, cálcio, fósforo, uréia, creatinina, glicose e proteínas totais. Os animais foram criados em cativeiro no CEMAS (Centro de Criação de Animais Silvestres), Mossoró - RN. As fêmeas estavam da metade (30-45 dias) para o final da gestação (65-70 dias). As bolsas amnióticas e alantoideanas foram puncionadas individua (mais) lmente para colheita dos líquidos fetais, que foram centrifugados e analisados posteriormente. Para o líquido amniótico, as concentrações médias em mg/dl foram: glicose = 45,87 ± 22,38; cálcio = 6,31 ± 1,24; fósforo = 1,64 ± 0,72; creatinina = 0,45 ± 0,12; uréia = 34,03 ± 5,96; proteínas totais = 31,24 ± 16,67. Para o líquido alantoideano, as concentrações médias em mg/dl foram: glicose = 59,17 ± 10,85; cálcio = 5,58 ± 0,59; fósforo = 1,27 ± 0,73; creatinina = 0,38 ± 0,38; uréia = 31,49 ± 2,28; proteínas totais = 30,70 ± 18,39. Foram observadas pequenas oscilações entre as concentrações dos parâmetros bioquímicos do fluido amniótico e alantoideano. Estas concentrações são determinadas, provavelmente, pela atividade metabólica materno-fetal. A análise das células do fluido amniótico revelou quatro tipos celulares. Resumo em inglês The aim of the present work was to study certain biochemical characteristics of fetal fluids of the female mocó (Kerodon rupestris), by assesment of the following parameters present in the amniotic and allantoic fetal fluids: osmolarity, pH, calcium, phosphorous, total protein, urea, creatinina and glycose. Ten genital systems of mocós were sampled (gestation = 30-45 and 65-70 days). The amniotic and allantoic sacs were punctured and the fetal fluid obtained for posteri (mais) or analysis. It was observed the following concentrations (mg/ml) in the amniotic fluid: glycose= 45,87 ± 22,38; calcium = 6,31 ± 1,24; phosphorus = 1,64 ± 0,72; creatinine = 0,45 ± 0,12; urea = 34,03 ± 5,96; total protein = 31,24 ± 16,67. In the allantoic fluid the concentrations were: : glycose = 59,17 ± 10,85; calcium = 5,58 ± 0,59; phosphorous = 1,27 ± 0,73; creatine = 0,38 ± 0,38; urea = 31,49 ± 2,28; total protein = 30,70 ± 18,39. Results obtained from the analisys of the composition of fetal fluids showed small oscillations between the amniotic and the allantoic fluids. Their concentrations, probably, are determined by the materno-fetal metabolic activity. Amniotic fluid cytology showed four cells types.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

89

Adenocarcinoma pulmonar, dermatomiosite e síndrome miastênica de Lambert-Eaton: uma rara associação/ Lung adenocarcinoma, dermatomyositis, and Lambert-Eaton myasthenic syndrome: a rare combination

Milanez, Fernanda Manente; Pereira, Carlos Alberto de Castro; Trindade, Pedro Henrique Duccini Mendes; Milinavicius, Ricardo; Coletta, Ester Nei Aparecida Martins
2008-05-01

Resumo em português A incidência das neoplasias pulmonares vem aumentando no Brasil e no mundo, provavelmente como resultado do aumento do tabagismo. Com o maior número de casos, surgem as apresentações atípicas. Relatamos o caso de um paciente do sexo masculino, 66 anos, tabagista e hipertenso, que apresentava quadro de fraqueza muscular proximal progressiva e, em dois meses, evoluiu com disfagia para alimentos sólidos, disfonia e lesões cutâneas em forma de "V" no tórax. O radiogr (mais) ama de tórax mostrou um nódulo pulmonar espiculado no lobo superior direito. A análise bioquímica revelou aumento da creatinoquinase. Após exames complementares e biópsias, o paciente foi submetido à lobectomia superior direita. A histopatologia evidenciou um adenocarcinoma moderadamente diferenciado. A análise global do caso e a revisão de literatura permitem sugerir que o quadro clínico do paciente era resultante da sobreposição de duas síndromes paraneoplásicas, a saber, a dermatomiosite e a síndrome miastênica de Lambert-Eaton, secundárias a um adenocarcinoma pulmonar. Resumo em inglês The incidence of lung neoplasms is increasing in Brazil and in the world, probably as a result of the increase in smoking. Due to the greater number of cases, atypical presentations appear. We report the case of a 66-year-old hypertensive male smoker who presented progressive proximal muscular weakness and, in two months, evolved to dysphagia, dysphonia, and V-shaped skin lesions on the chest. A chest X-ray showed a spiculated pulmonary nodule in the right upper lobe. The (mais) biochemical analysis revealed elevated creatine kinase levels. After complementary tests and biopsies, the patient underwent right upper lobectomy. Histopathology showed a moderately differentiated adenocarcinoma. The overall analysis of the case and a review of the literature allow us to suggest that the clinical profile of the patient was a result of an overlap of two paraneoplastic syndromes (dermatomyositis and Lambert-Eaton myasthenic syndrome) secondary to lung adenocarcinoma.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)