Sample records for cortex cerebral
from WorldWideScience.org

Sample records 1 - 20 shown. Select sample records:



1

Neurofisiologia e plasticidade no córtex cerebral pela estimulação magnética transcraniana repetitiva/ Plasticity of the human cerebral cortex as revealed by transcranial magnetic stimulation

Brasil Neto, Joaquim
2004-01-01

Resumo em português Um velho dogma da biologia afirma que só existiria capacidade de reorganização cortical (neuroplasticidade) em animais muito jovens; no adulto, tal capacidade seria pequena ou mesmo inexistente. Aqui, revisamos estudos realizados em animais e em humanos que demonstram uma capacidade de reorganização cortical nos sistemas sensoriais e motores em indivíduos adultos. Destacamos os estudos realizados com a técnica de estimulação magnética transcraniana. O córtex ce (mais) rebral asulto é capaz de reorganização após lesões do sistema nervoso periférico ou central ou no contexto do aprendizado. Resumo em inglês An old biological dogma states that a potencial for cortical reorganization (neuroplasticity) exists nly in young animals, being lost in adlt life. Here we review studies carried out both in animals and humans, whixh demonstrate cortical reorganization in sensory and motor systems in adult subjects. We particulary emphasiza human studies carried out with the aid of transcranial magnetic stimulation. The adult cortex is capable of reorganization after peripheral or central nervous system lesions and as a result of learning.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

2

Estudos genéticos e moleculares em um grande grupo de pacientes com malformações do córtex cerebral/ Genetics and molecular study in group of patients with malformations of cerebral cortex

Torres, Fábio Rossi; Souza-Kols, Daniela Aguiar de; Tsuneda, Simone Sayuri; Secolin, Rodrigo; Almeida, Iara Leda Brandão de; Lopes, Camila Fernanda; Rodrigues, Maria do Carmo Sousa; Montenegro, Maria Augusta; Marques-de-Faria, Antonia Paula; Guerreiro, Marilisa Mantovani; Llerena Jr, Juan Clinton; Cendes, Fernando; Lopes-Cendes, Iscia
2008-09-01

Resumo em português OBJETIVOS: As malformações do córtex cerebral (MCC) são uma causa importante de epilepsia. Nossas metas foram: triagem de mutações em genes associados às MCC (FLN1, LIS1, DCX e EMX2), investigar funcionalmente as mutações e mapear o locus para polimicrogiria perisylviana familiar. MÉTODOS: A triagem de mutações foi realizada por PCR, DHPLC e sequênciamento. Estudo funcional foi realizado por RT-PCR, PCR em tempo real e HUMARA. O estudo de ligação foi realiz (mais) ado por PCR e análise com programas Fragment Profiler® e MLINK®. RESULTADOS: Mutações deletérias foram identificadas em 3/108 pacientes. Uma mutação de splicing (G987C) em FLN1 foi identificada em duas pacientes aparentadas com heterotopia nodular periventricular. Mudança no padrão de inativação do cromossomo X é responsável pelas diferenças clínicas entre as pacientes. Uma substituição A1385C (H277P) foi identificada em LIS1 em um indivíduo com lissencefalia. Alterações neutras foram identificadas em DCX e EMX2. A análise de ligação identificou um locus em Xq27.2-Xq27.3 para polimicrogiria familiar. CONCLUSÃO: Mosaicismo, mutações em regiões não codificantes, deleções, rearranjos e casos atípicos podem estar contribuindo para a baixa freqüência de mutações identificadas. Esquizencefalia e polimicrogiria parecem não ter base genética relacionada com o gene EMX2. Um novo locus candidato em Xq27.2-Xq27.3 foi identificado para polimicrogiria perisylviana familiar. Resumo em inglês OBJECTIVES: Malformations of cerebral cortex (MCC) are an important cause of epilepsy. Our main goals were: to search for mutations in genes responsible for MCC (FLN1, LIS1, DCX and EMX2), to map the locus for familial perisylvian polymicrogyria and to investigate the molecular mechanisms of the mutations identified. Methods: Mutation screening was performed by PCR, DHPLC and sequencing. HUMARA and Real Time PCR were performed to study the molecular mechanisms of mutation (mais) s. Linkage analysis was carried out by PCR, Fragment profiler® and MLINK® software. RESULTS: Deleterious mutations were identified in 3/108 patients. We found a G987C splicing mutation in the FLN1 in two related patients with periventricular nodular heterotopia. Skewed X-chromosome inactivation was detected as the possible mechanism responsible for clinical differences observed in the two patients. An A1385C transversion (H277P) in LIS1 was identified in one patient with lisencephaly. Only neutral variants were identified in DCX and EMX2. Linkage analysis has detected a locus in Xq27.2-Xq27.3 for familial polymicrogyria. CONCLUSION: We believe that the low frequency of mutations identified may be due to mosaicism, mutations in non-coding regions, deletions and patients with atypical neuroimaging findings. Deleterious mutations in EMX2 were not found in patients with schizencephaly and polymicrogyria. We found a locus for familial perisylvian polymicrogyria in Xq27.2-Xq27.3.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

3

A Cognição Social e o Córtex Cerebral/ Social Cognition and the Brain Cortex

Butman, Judith; Allegri, Ricardo F.
2001-01-01

Resumo em português A cognição social é o processo que orienta condutas frente a outros indivíduos da mesma espécie. Várias estruturas cerebrais têm um papel chave para controlar as condutas sociais: o córtex pré-frontal ventromedial, a amígdala, o córtex somatosensorial direito e a ínsula. O córtex pré-frontal ventromedial está comprometido com o raciocínio social e com a tomada de decisões; a amígdala com o julgamento social de faces; o córtex somatosensorial direito, co (mais) m a empatia e com a simulação; enquanto que a insula, com a resposta autonômica. Estes achados estão de acordo com a hipótese do marcador somático, um mecanismo específico por meio do qual adquirimos, representamos ou memorizamos os valores de nossas ações. Estas estruturas cerebrais atuam como mediadores entre as representações perceptuais dos estímulos sensoriais e a recuperação do conhecimento que o estímulo pode ativar. O sistema límbico é a zona limítrofe; nela, a psicologia se encontra com a neurologia. A correta sincronização destas zonas e estruturas, no adulto, é a chave para uma situação livre de patologia. Resumo em inglês Social cognition refers to the processes that subserve behavior in response to other individuals of the same species. Several brain structures play a key role in guiding social behaviors: ventromedial prefrontal cortex, amygdala, right somatosensory cortex and insula. The ventromedial prefrontal cortex is most directly involved in social reasoning and decision making; the amygdala in social judgment of faces, the right somatosensory cortex in empathy and simulation and th (mais) e insula in autonomic responses. These findings are corresponding to the somatic marker hypothesis, particular mechanism by which we acquire, represent and retrieve the values of our actions. These brain structures appear to mediate between perceptual representation of social stimuli and retrieval of knowledge that such stimuli can trigger. The limbic system is the border zone where psychology meets neurology. The synchronization of these functions and structures is the key for a human being free of pathology.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

4

Efeitos da exposição pré-natal e pós-natal ao etanol no córtex cerebral de ratos: um estudo do neurópilo/ Effects of prenatal and postnatal ethanol exposure in the cerebral cortex of rats: a study of neuropil

Jerônimo, Márcio Sousa; Pontes Filho, Nicodemos Teles de; Melo Júnior, Mário Ribeiro de
2008-02-01

Resumo em português INTRODUÇÃO: Exposição pré-natal ao etanol é freqüentemente associada a microcefalia e atraso na migração celular. O mecanismo pelo qual o etanol induz seus efeitos no desenvolvimento do sistema nervoso não é muito bem entendido. OBJETIVOS: Avaliar o efeito da exposição crônica ao etanol sobre o córtex visual de ratos durante seu desenvolvimento. MATERIAL E MÉTODO: Ratos Wistar provenientes do acasalamento de 30 fêmeas, divididos nos grupos etanol (n = 10) (mais) - 3 g/kg/dia - e controle (n = 10), foram utilizados nesse experimento. Os ratos foram perfundidos e o encéfalo, dividido em três partes: anterior, médio e posterior. Os cortes obtidos do fragmento posterior foram expostos à rotina histológica e submetidos a diferentes técnicas de coloração. Na análise estatística foi utilizado o teste t para comparar os pesos encefálicos e corporais. Considerou-se como nível de rejeição de hipótese nula um valor de p Resumo em inglês BACKGROUND: Prenatal exposure to ethanol is frequently associated with microencephaly and delayed cell migration. The mechanism by which ethanol affects the development of the nervous system is still not fully understood. OBJECTIVE: To evaluate the effect of chronic exposure to ethanol on the visual cortex of rats during their development. MATERIAL AND METHOD: Wistar rats, born from the mating of 30 females, were divided into two groups: those exposed to ethanol (n = 10) (mais) - 3 g/kg/day - and a control group (n = 10). The rats were perfused and brain was divided into three parts: anterior, middle and posterior. Slices taken from the posterior fragment were subjected to histological analysis routine and different staining techniques. A statistical analysis was carried out using t test to compare brain and body weight. A value

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

5

Estudos sôbre a excitação química da córtex cerebral (Ação da acetilcolina)

Mcussatché, H.
1945-04-01

Resumo em inglês The author has studied the influence of acetylcholine solutions directly applied on the motor cortex of dogs, cats monkeys and rabbits. For this purpose small squares of filter paper were soaked in the acetylcholine solution and soon afterwards laid on the motor cortex. Solutions varying from 0,2 to 10 per cent have been experimented. It has been shown that local application of the solutions on the motor points, previously localized by induction coil, produced motor react (mais) ions. It has been found, in the dogs that 10 per cent acetylcholine solutions cause localized muscular twitchings (clonus) in almost all the animals experimented. Generalised epileptiform convulsions were obtained in44,4% of the dogs. Convulsions were also obtained by employing 1 per cent solution of acetylcholine. Definite response has been obtained with 0,2 per cent solution. Failure of motor action, pointed out by other authors, has been related to the use of anesthetics. Convulsions were easily produced by rapid light mechanical stimulations of the skin covering the muscles in conection with the excited motor point, and the application on the motor point of acetylcholine. The results on monkeys can be summarized as follows. Two species of monkeys were experimented: Cebus capucinus and Macaca mulata. In the monkeys C. capucinus generalised convulsive reactions were induced with actylcholine solutions in a concentration as low as 0,5 per cent. Motor reaction or convulsive seizeres were obtained in seven of the eight monkeys used. Three monkeys M. mulata were stimulated with 10 per cent acetylcholine solution but only localized muscular contraction hae been observed. Similar results has been obtained on the motor cortex of cats and rabbits. One of the three cats employed has shown epileptiform convulsions and the remaining only localized muscular contractions. In the rabbits muscular twitchings have been also induced. The sensitizing power of eserine on the action of acetylcholine has been also searched. The results indicate that a previous application of eserine solution on the motor center, potentiates the action of acetylcholine. The intensity of the muscular twitchings is greater than the obtained before the application of the eserine solution. Generalised epileptiform convulsions sometimes appeared following the use of lower concentrations of acetylcholine than those previously employed. Experiments have been carried out by injecting eserine and prostigmine by parenteral route. A dosis dufficient for induce small muscular tremors did not enhance obviously the motor effects produced by the application of the acetylcholine solutions on the motor cortex. From seven dogs experimented, all previously tested for convulsive seiruzes by application of 1 and 10 per cent acetylcholine solution with negative results, only one has shown epileptiform convulsions after the injection of prostigmine. Morphine has also been tested as facilitating substance for convulsions induced by acetylcholine. Six from the nine dogs submitted to the experiments, developed epileptiform seizures after injection of morphine and stimulation of the motor cortex with acetylcholine. (Table IV). In another series of experiments atropine and nicotine have been studied as for to their action on the motor effects of acetylcholine. Nicotine has a strong convulsant action, even when employed in very high concentration. Since a depressant effect has not appeared even by the applications of high concentrations of nicotine in the motor corteõ of dogs, unlike the classical observations for the autonomus nervous system, it was not possible to verify the action of acetylcholine on a motor center paralised by nicotine. It is important to not that the motor phenomena observed after the first aplication of acetylcholine, can desappear by the renewal of the pieces of filter paper soaked in the acetylcholine solution. Atropine, either applied on the motor point in low concentration, or injected in sufficient amount for inhibiting the “muscarinic effects” of acetylcholine on the autonomous nervous system, did not prevent the motor reactions of acetylcholine on the cerebral cortex.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

6

Comparação do número de corpos neuronais de áreas do córtex cerebral de cães/ Comparison of the neuron body number of areas brain cortex of dogs

Esteves, Alessandra; Prada, Irvênia Luiza de Santis; Carvalho, Ana Flávia de
2004-10-01

Resumo em português Foram utilizados 10 encéfalos de cães sem raça definida, 5 machos e 5 fêmeas, com peso entre 8-12 kg, com características constitucionais do crânio semelhantes (mesaquicéfalos). Dos encéfalos foram retirados fragmentos das diferentes áreas cerebrais, que foram preparados segundo técnica histológica convencional e corados por violeta cresil modificada, para evidenciação dos corpos de neurônios. Através da análise morfométrica, foram buscados dados comparat (mais) ivos, principalmente entre as diferentes áreas cerebrais; hemisférios cerebrais direito e esquerdo e entre os sexos, para o conhecimento do comportamento e da quantidade de corpos de neurônios. As lâminas foram analisadas com auxílio do Axioscópio Zeiss® acoplado ao programa de análise de imagens KS-400 Zeiss®. Os resultados encontrados foram que os machos apresentam maior quantidade de corpos de neurônios no hemisfério cerebral direito (16,71). Já nas fêmeas as proporções foram inversas, apresentando maior quantidade de neurônios no hemisfério cerebral esquerdo (17,46), quando comparados as diferentes áreas cerebrais. Os cães apresentaram maiores quantidades de corpos de neurônios na área visual (19,77), seguida da comportamental ou límbica (18,37) e entre as outras áreas cerebrais não verificou-se diferenças significativas. Resumo em inglês For this study, 10 brain of mongrel dogs, 5 males and 5 females, weighing between 8-12 Kg, with constitutionalist characteristics of cranium similar (mesaquicefalus), were collected. They were prepared according to conventional histological technique and stained by modified violet cresil, for becoming evident the neurons bodies. Through the morphometric analysis, comparative data were reached, mainly between the different bodies areas; brain right and left hemisphere and (mais) between the sex, for the knowledge of the arrangement and the quantity of the neuron bodies. The slides were analyzed with the aid of Axioscópio Zeiss®. The results showed that males had major quantity of the neuron bodies in brain right hemisphere (16,71). Once in females the rate were contrary, showing major quantity of neuron bodies in brain left hemisphere (17,46), when compared the different brain areas. The dogs showed major quantity of the neuron bodies in the visual area (19,77), following by the comportamental or limbic area (18,37) and between others areas did not show significant difference.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

7

Memória de procedimentos e SPECT cerebral: avaliação de fluxo sanguíneo cerebelar e em córtex pré-frontal durante uma tarefa visuo-motora/ Procedural memory and brain SPECT: blood flow evaluation in the cerebellum and pre-frontal cortex during a visuo-motor task

Silva, Márcia Thereza; Piedade, Roberto; Ribeiro, Pedro; Fonseca, Léa Mirian B. da; Pellini, Marcos Pinto; Cagy, Maurício
2007-06-01

Resumo em português O objetivo deste estudo foi avaliar o fluxo sanguíneo cerebral no córtex cerebelar (4 sub-regiões) e no córtex pré-frontal, em repouso e durante uma tarefa motora. A amostra foi composta por 8 sujeitos saudáveis, ambos os sexos, entre 23 e 36 anos. O grupo foi submetido a tarefa visuo-motora (memória implícita) que consistia na ação de desviar um submarino de supostas minas que percorriam a tela do monitor. Para avaliar a perfusão, foi utilizado o método de an (mais) álise semi-quantitativa para imagens de SPECT cerebral - 99mTc-ECD. Os resultados evidenciaram aumento de atividade nas áreas de interesse durante a realização da tarefa. Em conclusão, quatro sub-regiões do córtex cerebelar e ambos os hemisférios do córtex pré-frontal apontaram uma ativação simultânea durante a tarefa. Ainda, e conforme estudos prévios, nossos resultados sugerem um modo de operação em paralelo do sistema nervoso central, no intuito de integrar uma informação sensorial e motora. Resumo em inglês The objective of the present study was to evaluate the cerebral blood flow in the cerebellar (4 sub-regions) and pre-frontal cortex, when subjects were in rest and during a motor task performance. The sample consisted of 8 healthy subjects, male or female, between 23 and 36 of age. The visuo-motor task _ implicit memory _ requires the subjects to navigate and swerve a graphic submarine from missiles that run on the screen. Semi-quantitative analysis with brain SPECT (99mT (mais) c-ECD) was used to evaluate regional perfusion. The results revealed an increased activity in all areas of interest during motor task. In conclusion, four sub-regions of cerebellar cortex and both pre-frontal hemispheres showed a simultaneous activation during task. Moreover, our findings suggest as seen in previous experiments that the central nervous system operates in a parallel fashion, in order to integrate sensory and motor information.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

8

O envelhecimento cortical e a reorganização neural após o acidente vascular encefálico (AVE): implicações para a reabilitação/ Cortical aging and neural reorganization following cerebral vascular accident (CVA): implications for rehabilitation

Teixeira, Ilka Nicéia D'Aquino Oliveira
2008-12-01

Resumo em português Este artigo apresenta uma síntese sobre o envelhecimento do córtex cerebral humano e uma revisão das abordagens para a reabilitação do controle motor após o acidente vascular encefálico (AVE). Na discussão sobre as implicações clínicas na compensação das perdas, é enfatizado que os profissionais de reabilitação devem incentivar os pacientes idosos a usarem os dois membros superiores para a realização das atividades da vida diária (AVDs) ao invés de reforçarem o uso do membro superior não afetado. Resumo em inglês This article presents a synthesis on aging of the human cerebral cortex, and also a review of the approaches to motor control rehabilitation following a cerebral vascular accident (CVA). Throughout the discussion on the clinical implications, the author advises the rehabilitation professionals to encourage older patients perform their activities of daily living (ADL) using both upper extremities, rather than reinforcing the use of the unaffected upper extremity.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

9

O envelhecimento cortical e a reorganização neural após o acidente vascular encefálico (AVE): implicações para a reabilitação/ Cortical aging and neural reorganization following cerebral vascular accident (CVA): implications for rehabilitation

Teixeira, Ilka Nicéia D'Aquino Oliveira
2008-12-01

Resumo em português Este artigo apresenta uma síntese sobre o envelhecimento do córtex cerebral humano e uma revisão das abordagens para a reabilitação do controle motor após o acidente vascular encefálico (AVE). Na discussão sobre as implicações clínicas na compensação das perdas, é enfatizado que os profissionais de reabilitação devem incentivar os pacientes idosos a usarem os dois membros superiores para a realização das atividades da vida diária (AVDs) ao invés de reforçarem o uso do membro superior não afetado. Resumo em inglês This article presents a synthesis on aging of the human cerebral cortex, and also a review of the approaches to motor control rehabilitation following a cerebral vascular accident (CVA). Throughout the discussion on the clinical implications, the author advises the rehabilitation professionals to encourage older patients perform their activities of daily living (ADL) using both upper extremities, rather than reinforcing the use of the unaffected upper extremity.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

10

Avaliação da isquemia cerebral focal induzida pela oclusão da artéria cerebral média e a ação neuroprotetora do cetoprofeno em ratos/ Focal cerebral ischaemia induced by middle cerebral artery occlusion and the neuroprotective effect of ketoprofen in rats

DIAS, LUIZ ANTONIO ARAUJO; COLLI, BENEDICTO OSCAR; COUTINHO NETTO, JOAQUIM; LACHAT, JOÃO JOSÉ
2000-12-01

Resumo em português A isquemia cerebral é fenômeno eventualmente observado durante procedimentos neurocirúrgicos e em patologias clínicas resultando em déficits neurológicos incapacitantes ou mesmo na morte. Por tratar-se de problema grave e de difícil solução, vários estudos têm sido efetuados com o objetivo de elucidar os mecanismos do fenômeno isquêmico no sistema nervoso central (SNC) e abolir ou diminuir seus efeitos através das drogas que protegem os neurônios (neuroprot (mais) etoras). Vários neurotransmissores estão envolvidos na isquemia e entre eles o glutamato destaca-se pela sua maior concentração no SNC. O objetivo deste estudo foi avaliar a isquemia cerebral focal em ratos através da dosagem do glutamato e dos achados morfológicos em uma evolução temporal e demonstrar uma possível ação neuroprotetora do cetoprofeno. Foram utilizados 36 ratos Wistar, subdivididos em 4 grupos: um grupo controle e outro sham; e outros dois em que os animais foram submetidos a isquemia pela oclusão seletiva da artéria cerebral média por um fio obstrutor durante 15, 30 e 45 minutos. Os animais de um destes grupos foram tratados com cetoprofeno 15 minutos antes da isquemia. A isquemia foi avaliada através de estudo histopatológico e da dosagem do glutamato extracelular in vitro. A análise morfológica mostrou não haver diferenças entre os animais normais e do grupo sham. Nos animais submetidos a isquemia, as alterações apareceram aos 30 minutos e acentuaram-se aos 45. Os principais achados foram edema intersticial, desorganização cromatínica, vacuolização e desintegração nuclear. Os animais tratados com cetoprofeno apresentaram alterações semelhantes, porém menos intensas. Reduções nas dosagens in vitro do glutamato extracelular no córtex parietal dos animais submetidos a isquemia iniciaram-se a partir dos 30 minutos e acentuaram-se aos 45 e foram semelhantes nos animais com ou sem tratamento com cetoprofeno, indicando que esta droga parece não interferir com o metabolismo do glutamato na sinapse. Os achados histopatológicos no córtex parietal dos animais submetidos a isquemia , tratados ou não previamente com cetoprofeno, sugerem que esta droga tem um efeito neuroprotetor. Resumo em inglês Cerebral ischaemia is eventualy observed during neurosurgical procedures and in several clinical entities that may cause severe neurological deficits and even death. Because it is a severe and complex problem, several studies have been done aiming to elucidate the mechanisms of the ischemic phenomenon and aiming to abolish or to diminish its effects, using drugs that protect the neurons from ischaemia-induced damage. Several neurotransmitters play a role in cerebral ischa (mais) emia with emphasis to glutamate by its high concentration in the central nervous system. The purpose of this study was to evaluate the effect of focal cerebral ischaemia in the rat through the dosage of the glutamate and morphological findings, and to evaluate a possible protective effect of the ketoprofen to ischemic neurons. Thirty-six rats Wistar were divided into four groups. The first was a control group, the second a sham group and the animals of the third and fourth groups were submitted to induced cerebral ischaemia through selective obstruction of the midlle cerebral artery during 15, 30 and 45 minutes. Animals of the fourth group were previously treated with ketoprofen 15 minutes before the ischaemia. The ischaemia was evaluated through the histopathological examination and through dosage of the extracellular glutamate in vitro. The histopathological examination showed that there was no difference between the animals of the control and of the sham groups. In the animals submitted to ischemia histopathological alterations appeared at 30 minutes and become more intense at 45 minutes of ischaemia. The main findings were interstitial edema, chromatinic disorganization, vacuolization and nuclear desintegration. The animals treated with ketoprofen showed similar alterations, but they were less intense. Decrease in the dosage of glutamate in the parietal cortex of the animals submitted to ischaemia started at 30 minutes and became more intense at 45 minutes of ischaemia and was similar for animals previously treated or not with ketoprofen, indicating that this drug seems not to interfere with the metabolism of the glutamate at the synapses. The morphological findings in the parietal cortex of the animals submitted to ischaemia, previously treated or not with ketoprofen, suggest that this drug has a neuroprotective effect.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

11

Dor central devida a compressão do cortex parietal por tumor cerebral: relato de dois casos/ Central pain from cerebral cortical parietal tumors: report of two cases

Amâncio, Edson José; Peluso, Cássio Morano; Santos, Antônio Carlos Grela; Pena-Dias, Ana Paula; Debs, Fernando Antonio Alvarez
2002-06-01

Resumo em português Dor central produzida por tumores cerebrais é considerada rara pela maioria dos autores. Os poucos casos descritos na literatura fazem referência à dor central provocada pela presença de lesões expansivas acometendo o córtex parietal contralateral. Nem mesmo os tumores talâmicos costumam produzir dor central. Apresentamos dois casos de dor central associada a lesões expansivas que acometeram o córtex parietal, 1 astrocitoma low grade e 1 meningioma. Em ambos houve alívio da dor após a remoção cirúrgica das lesões. Resumo em inglês Central pain derived from cerebral tumors is considered rare by most authors. The few cases described in literature refer to central pain caused by expansive lesions in the contralatral parietal cortex. Usually, not even thalamic tumors cause central pain. We describe two cases of central pain related to expansive lesions in the parietal cortical region -- a low grade astrocytoma and a meningioma. Both patients reported pain relief after lesions were removed by surgery.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

12

Anencefalia e morte cerebral (neurológica)/ Anencephaly and brain death

Penna, Maria Lúcia Fernandes
2005-06-01

Resumo em português Vem-se discutindo no país a ética da interrupção da gravidez no caso de fetos anencéfalos. Os opositores ao aborto nesses casos apontam, entre outros argumentos, que não se trata de morte cerebral devido à presença de tronco encefálico. Neste artigo discutimos o conceito de morte cerebral e sua aplicação no que tange à anencefalia. Apontamos alguns aspectos históricos do desenvolvimento desse conceito e a importância de ser considerada a diferença entre con (mais) ceito e critérios. A morte neurológica é a perda definitiva e total da consciência, enquanto a presença do tronco cerebral é apenas um critério a ser usado nos casos de lesão encefálica em encéfalos antes perfeitos. O conceito de morte cerebral se aplica completamente à ausência de córtex dos anencéfalos, o que sem dúvida permite sua retirada do útero materno. Manter juridicamente a criminalização desse procedimento é uma interferência religiosa no Estado laico e democrático, que impede o exercício de escolha pelos indivíduos segundo seu credo. Resumo em inglês Brazilian society has recently discussed the ethics of interrupting pregnancy in the case of an anencephalic fetus. In such cases, anti-abortionists contend that anencephaly is not the same as brain death, since a brainstem is present. This article discusses the concept of brain death and its application to the issue of anencephaly. We point to key historical aspects in the development of this concept and the importance of considering the difference between concept and cr (mais) iteria. Neurological death is the definitive and complete loss of consciousness, while the presence of a brainstem is merely a criterion to be used in cases of head injury in previously intact brains. The concept of brain death is totally applicable to the absence of cortex in a fetus with anencephaly, which without a doubt allows such a fetus to be removed from the uterus. To maintain the criminalization of this procedure by legal means represents religious interference in the lay and democratic state, thus impeding exercise of choice by individuals in accordance with personal creed.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

13

Efeitos da infusão contínua de propofol ou etomidato sobre variáveis intracranianas em cães/ Effects of propofol or etomidate intravenous infusion on intracranial variables in dogs

Paula, D.P.; Nunes, N.; Nishimori, C.T.D.; Lopes, P.C.F.; Carareto, R.; Santos, P.S.P.
2010-04-01

Resumo em português Avaliaram-se os efeitos da infusão contínua de propofol ou de etomidato sobre as variáveis intracranianas em cães nomocapneicos. Foram utilizados 20 cães adultos distribuídos aleatoriamente em dois grupos: grupo propofol (GP) e grupo etomidato (GE). Para o GP, os animais foram induzidos à anestesia com propofol (10mg/kg) e, ato contínuo, iniciaram-se a infusão do fármaco (0,6mg/kg/min) e a ventilação controlada. No GE, o etomidato foi usado para indução (5mg (mais) /kg) e manutenção empregando-se a dose de 0,5mg/kg/min nos 10 minutos iniciais e, em seguida, de 0,2mg/kg/min. Após 30 minutos da implantação do cateter de fibra óptica do monitor de pressão intracraniana (PIC) na superfície do córtex cerebral direito, realizaram-se as primeiras mensurações (M1) da PIC, da pressão de perfusão cerebral (PPC), da temperatura intracraniana (TIC), de temperatura corpórea (TC), da pressão arterial média (PAM) e da frequência cardíaca (FC). As demais mensurações ocorreram em intervalos de 20 minutos (M2, M3 e M4). O propofol e o etomidato não ocasionaram alterações significativas nas variáveis estudadas com exceção da TC e TIC. Concluiu-se que a infusão contínua desses fármacos em cães mantém a perfusão cerebral e a autorregulação cerebral. Cães anestesiados com etomidato apresentam efeitos adversos intensos e redução gradativa da temperatura corpórea e intracraniana. Resumo em inglês The effects of total intravenous infusion of propofol or etomidate on intracranial variables in normocapneic dogs were evaluated. Twenty adult mongrel dogs were randomly allotted to: propofol group (GP) or etomidate group (GE). In GP animals, the propofol was used for induction (10mg/kg), followed by immediate continuous infusion of the drug (0.6mg/kg/min) and controlled ventilation. In GE dogs, the etomidate was used for induction (5mg/kg), followed by a continuous rate (mais) infusion (CRI) at 0.5mg/kg/min during the first ten minutes and, right after, it was changed to 0.2mg/kg/min. The initial measurement (M1) was recorded 30 minutes after the implant of the fiber optic catheter and, after that, every 20 minutes (M2, M3, and M4). The studied parameters were intracranial pressure (ICP), cerebral perfusion pressure (CPP), intracranial temperature (ICT), body temperature (BT), mean arterial pressure (MAP), and heart rate (HR). The propofol and etomidate did not change the studied variables, except the ICT and BT. It was concluded that the continuous infusion of these drugs maintains the cerebral perfusion and autoregulation. Dogs anesthetized with etomidate have adverse effects and body and intracranial temperature decrease.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

14

Sistematização, distribuição e território da artéria cerebral média na superfície do encéfalo em Didelphis albiventris (gambá)/ Sistematization, distribution and territoty of the middle cerebral artery on the surface of the brain in Didelphis albiventris (opossum)

Lindemann, Tânia; Campos, Rui
2003-01-01

Resumo em português Estudou-se o comportamento da artéria cerebral média em 30 encéfalos de Didelphis albiventris, este vaso emitiu ao longo de seu trajeto os seguintes colaterais: ramo ventro-rostral, distribuído para a superfície do trígono olfatório. Dois ramos ventrocaudais para o lobo piriforme, o medial para a porção medial do córtex piriforme, encontrado à direita em 100,00% e à esquerda em 83,30% das peças, e o lateral para todo o restante da superfície do lobo piriform (mais) e, presente em 100,00% dos casos em ambos os antímeros. A seguir lançou o Iº e o IIº ramos hemisféricos dorsolaterais. O Iº ramo hemisférico dorsolateral supriu o terço caudal da face dorsolateral do hemisfério, à direita presente em 96,70% e ausente em 3,30% das amostras, à esquerda presente em 90,00% e ausente em 10,00% das peças. O IIº ramo hemisférico dorsolateral distribuiu-se no terço médio da face dorsolateral do hemisfério. Presente em 36,70% dos casos, em ambos os antímeros. Quando estes ramos estiveram ausentes, seu território foi complementado geralmente ou pelo Iº ramo hemisférico dorsolateral ou pelo ramo terminal. O ramo terminal projetou-se dorsalmente, lançou ramos rostral e caudalmente distribuindo-se nos dois terços rostrais da face dorsolateral do hemisfério.O ramo terminal apresentou-se, nos dois antímeros, em 100,00% dos encéfalos. O ramo rostrodorsal projetou-se podendo atingir a face dorsal do bulbo olfatório.O território da artéria cerebral média compreendeu a superfície do lobo piriforme, parte do trígono olfatório, o trato olfatório lateral, a porção dorsal do bulbo olfatório, a maior parte da face dorsolateral do hemisfério. Resumo em inglês We study the behavior of the middle cerebral artery, in 30 encephalon of Didelphis albiventris. This vessel along its course branched originating several branches. The ventro-rostral ramus distribute for the olfactory trigonum. Two ventrocaudal rami for the piriform lobe, the medial one distributed itself on the medial surface of the piriform cortex, on the right present in 100.00% and on the left present in 83.30% of the cases; and the lateral one covering the rest of th (mais) e piriform lobe surface, being present bilaterally in 100.00% of the pieces. Following, the middle cerebral artery emitted the 1º and the 2º dorsolateral hemispheric branches. The 1º dorsolateral hemispheric branch covering the caudal third of the dorsolateral surface of the hemisphere. This branch was present in 96.70.00% and absent in 3.30% of the cases, right side and present in 90.00% and absent in 10.00% of the pieces, left side. The 2º dorsolateral hemispheric branch covered the medium third of the dorsolateral surface of the hemisphere. It was present in both antimeres in 36.70.00% of the pieces. When this two branches were absent its territory was usually complemented by the 1º dorsolateral hemispheric or by the terminal branches. The terminal branch projected dorsally and emitted the rostral and caudal rami to the dorso-lateral surface of the hemisphere. It was present in 100.00% of the cases, both antimeres. The rostrodorsal branch ran rostrally and could reach the dorsal surface of the olfactory bulb. The middle cerebral artery territory involved the piriform lobe surface, part of the olfactory trigonum, lateral olfactory tract and the main part of the dorsolateral surface of the hemisphere.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

15

Meningoencefalite necrotizante de cão Maltês/ Necrotizing meningoencephalitis of Maltese dog

Violin, Kalan Bastos; Queiroz, Nicolle Gilda Teixeira de; Hosomi, Fernando Yutaka Moniwa; Ramos, Adriano Tony; Amaral, Helena Arantes do; Kogika, Márcia Mery; Machado, Gisele Fabrino; Maiorka, Paulo César
2008-06-01

Resumo em português A Meningoencefalite Necrotizante (MEN) é uma encefalopatia causada por uma disfunção inflamatória de característica necrotizante. O objetivo deste relato é descrever os aspectos clínicos e anatomopatológicos da Meningoencefalite Necrotizante (MEN) em um cão Maltês. A doença tem um caráter necrótico único e está relacionada intimamente à Encefalite do Cão Pug (ECP) devido a suas semelhanças, bem como à Leucoencefalite Necrotizante (LEN). Embora o primeir (mais) o relato de caso de ECP tenha mais de 15 anos e o primeiro relato de caso de MEN em Maltês tenha 11 anos, há muito a ser revelado sobre a etiologia e os mecanismos imunopatológicos da doença. Neste trabalho, relata-se o caso de um cão Maltês com sinais que foram compatíveis com a MEN. Foram detectadas nas imagens macroscópicas, cavitação cerebral, e na microscopia, perda de células do parênquima em certas regiões do córtex cerebral. A partir dessas descobertas descreve-se o primeiro caso de MEN em cão Maltês no Brasil. Resumo em inglês The Necrotizing Meningoencephalitis (NME) is an encephalopathy caused by an inflammatory dysfunction with necrotic characterization. The aim of this report is to describe the anatomopathological features of the NME in a Maltese dog. The disease has a unique necrotic pattern and is closely related to Pug Dog Encephalitis (PDE) because of their similarity as well as to Necrotizing Leukoencephalitis (NLE). Although the first PDE report has more than 15 years and the first Ma (mais) ltese NME report has 11 years there is a lot to be unveiled about the etiologic and the immunopathologic mechanisms of the disease. Here we report one case of a Maltese dog with signs that were compatible with NME. The gross morphology pictures with the cerebral cavitation and the histological loss of parenchymal cells in some regions of the cerebral cortex were detected. Based on these findings, we describe the first case of NME in Maltese dog in Brazil.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

16

Efeito do extrato da casca de Syzygium cumini sobre a atividade da acetilcolinesterase em ratos normais e diabéticos/ Syzygium cumini bark extract effect on acetylcholinesterase activity in normal and diabetic rats

Mazzanti, Cinthia Melazzo; Schossler, Deila Rosély; Filappi, Andreane; Prestes, Danívia; Silva, Adriane Cismoski; Correa, Maisa; Schetinger, Maria Rosa Chitolina; Morsch, Vera Maria; Lunkes, Gilberto; Gonzaga, Wellington de Abreu; Cecim, Marcelo
2004-06-01

Resumo em português Este estudo verificou a eficiência do extrato etanólico da casca de Syzygium cumini sobre o sistema colinérgico de ratos normais e diabéticos induzidos com aloxano. Os animais foram divididos em grupo controle (C), tratado com Syzygium cumini (TS), diabético (D) e diabético tratado com Syzygium cumini (DS). A atividade da acetilcolinesterase (AChE) foi analisada nas seguintes estruturas cerebrais: cerebelo, córtex, estriado e hipocampo. O extrato etanólico da casc (mais) a de Syzygium cumini na dose de 1g.kg-1 foi administrado diariamente por um período de trinta dias. Foi verificado após este período que o extrato inibiu a atividade da AChE no cerebelo e córtex cerebral dos ratos do grupo DS (P Resumo em inglês The present study verified the efficiency of the bark ethanol extract of Syzygium cumini on the cholinergic system of normal and alloxan induced diabetic rats. Thirty-nine female rats were divided in control (C), treated with Syzygium cumini (TS), diabetic (D) and diabetic treated with Syzygium cumini (DS). The activity of acetylcholinesterase (AChE) was analyzed in the following cerebral structures: cerebellum, cortex, striatum and hippocampus. The extract of the bark of (mais) Syzygium cumini in the dose of 1g.kg-1 was administered orally daily for a period of thirty days. After this period the extract inhibited the activity of the AChE in the cerebellum and cerebral cortex of the rats in the DS group (P

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

17

Meningoencefalite e polioencefalomalacia causadas por Herpesvírus bovino-5 no estado do Pará/ Meningoencephalitis and polioencephalomalacia caused by bovine herpesvirus-5 in the state of Pará, northern Brazil

Riet-Correa, Gabriela; Duarte, Marcos Dutra; Barbosa, José Diomedes; Oliveira, Carlos Magno Chaves; Cerqueira, Valíria Duarte; Brito, Marilene de Farias; Riet-Correa, Franklin
2006-03-01

Resumo em português O presente trabalho relata quatro casos de meningoencefalite por BHV-5 em quatro municípios no estado do Pará afetando bovinos de 1-2 anos, criados extensivamente. Três casos ocorreram de forma isolada e em um caso foram atingidos 3 animais do rebanho. Os principais sinais clínicos observados foram incoordenação, depressão acentuada, cegueira, decúbito lateral, opistótono e morte. O curso clínico foi de 3-4 dias. Macroscopicamente observaram-se áreas amolecidas (mais) , amareladas e cavitações no córtex cerebral. Microscopicamente observaram-se poliencefalomalacia no córtex cerebral, tálamo e núcleos da base, encefalite e meningite não supurativa e corpúsculos de inclusão intranucleares eosinofílicos em astrócitos. O diagnóstico foi realizado com base nos achados histológicos característicos. Resumo em inglês Four outbreaks of meningoencephalitis in 1 to 2 years old cattle caused by Bovine herpesvirus-5 are reported in four municipalities in the state of Pará, northern Brazil. In three outbreaks only one animal was affected, in another 3 cattle were affected. Main clinical signs were incoordination, dullness, blindness, recumbence, and opisthotonus. Death occurred after a clinical manifestation period of 3-4 days. Softening and yellowish areas were observed grossly in the cer (mais) ebral cortex. The histology revealed poliencephalomalacia in the cerebral cortex, thalamus and basal nuclei, and non suppurative encephalitis and meningitis, and eosinophilic intranuclear inclusion bodies in astrocytes. The diagnosis was based on the typical microscopic lesions.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

18

Aspectos epidemiológicos de um surto de babesiose cerebral em bovinos em zona livre de carrapato/ Epidemiological aspects of an outbreak of cerebral babesiosis in cattle in tick free area

Schild, Ana Lucia; Ruas, Jerônimo Lopes; Farias, Nara Amelia; Grecco, Fabiane Borelli; Soares, Mauro Pereira
2008-12-01

Resumo em português Descrevem-se os aspectos epidemiológicos de um surto de babesiose cerebral ocorrido em bovinos no município de Santa Vitória do Palmar, RS em uma propriedade localizada geograficamente na Latitude S 33°05'23" e Longitude WO 53°09'29", região considerada zona livre de Rhipicephalus (Boophilus) microplus. Em meados de novembro de 2007 foram transferidos para essa propriedade quatro touros, quatro novilhas e duas vacas provenientes do município de Minas do Leão (mais) ,RS localizado geograficamente na Latitude S 30°12'07" e Longitude WO 52°03'25". De um total de 393 animais, 40 bovinos adultos morreram no período entre 19 de janeiro e 2 de março de 2008. O diagnóstico foi realizado pela observação das lesões macroscópicas e pela presença de numerosas formas parasitárias de Babesia bovis em impressões de fragmentos do córtex telencefálico coradas por Giemsa, que foram enviados ao Laboratório Regional de Diagnóstico da Faculdade de Veterinária da UFPel (LRD). Sugere-se que o clima favorável com temperaturas médias entre 23,2°C e 23,6°C e umidade relativa do ar média entre 77,5° e 75,3% observados no período determinaram a ocorrência de uma geração de carrapatos que ao infestarem e inocularem o agente em animais sem nenhuma imunidade contra o mesmo desencadearam o surto. Resumo em inglês An outbreak of babesiosis by Babesia bovis is reported in cattle in the municipality of Santa Vitória do Palmar, considered a Rhipicephalus (Boophilus) microplus free area, in southern Brazil on a farm located at Latitude S 33°05'23" and Longitude WO 53°09'29". In mid November four bulls, four cows and two heifers originated from the municipality of Minas do Leão, RS, a tick endemic area, located at Latitude S 30°12'07" and Longitude WO 52°03'25" were in (mais) troduced in the herd. Fourty out of 393 adult cattle died. The first bovine died on January 19 and the last on March 2. The diagnosis of babesiosis was performed by the observation of gross lesions and numerous B. bovis organisms in smears of the cerebral cortex. It is suggested that the mean temperatures between 23.2°C and 23.6°C and the relative humidity between 75.3% and 77.5° observed in the period allowed the occurrence of a tick generation, which caused infection by B. bovis in cattle without immunity.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

19

Babesiose cerebral em bovinos: 20 casos/ Cerebral babesiosis in cattle: 20 cases

Rodrigues, Aline; Rech, Raquel Rubia; Barros, Ricardo Rocha de; Fighera, Rafael Almeida; Barros, Claudio Severo Lombardo de
2005-02-01

Resumo em português Num estudo retrospectivo de 1.071 necropsias de bovinos, foram encontrados 20 casos de babesiose cerebral confirmados pelo exame de esfregaços do córtex telencefálico. A maioria desses casos ocorreu no verão, em bovinos adultos de raças européias ou suas cruzas. Além dos sinais clínicos neurológicos, observou-se hemoglobinúria, anorexia, febre, taquicardia, taquipnéia e queda na produção de leite. O hemograma realizado em cinco bovinos afetados revelou acentu (mais) ada anemia regenerativa; em média, 20% dos eritrócitos estavam parasitados por Babesia bovis. Na necropsia de todos os casos, a substância cinzenta dos córtices telencefálico e cerebelar e dos núcleos da base era consistente e caracteristicamente róseo-cereja. Essa coloração devia-se ao seqüestro de eritrócitos nos capilares encefálicos. Nesses eritrócitos, podiam-se observar, tanto em esfregaços do córtex como em preparações histológicas do encéfalo, microorganismos com morfologia compatível com B. bovis. Outros achados de necropsia incluíam hemoglobinúria, rins vermelho-escuros, hepatoesplenomegalia, fígado vermelho-alaranjado, icterícia, hemorragias epicárdicas e endocárdicas e edema e congestão dos linfonodos mesentéricos. Resumo em inglês In a retrospective study carried out in 1,071 necropsies of cattle, 20 cases of cerebral babesiosis were found. All the cases were confirmed by examination of tissue smears from telencephalic cortex. Most of these cases occurred in the summer in adult cattle of European breeds and their crosses. Clinical signs included neurological disturbances, hemoglobinuria, anorexia, fever, tachycardia, tachypnea and drop in milk yield. Blood cell counts performed in five affected cat (mais) tle revelead marked regenerative anemia with an average of 20% of Babesia bovis parasitized erythrocytes. At necropsy of all cases the gray matter of the telencephalic and cerebellar cortices and of the basal ganglia consistently had a typically pink-cherry discoloration due to sequestration of red blood cells in brain capillaries. Both in nervous tissue smears and in histological preparations, it was observed that the red blood cells that clogged the capillaries of the gray matter contained organisms with morphology compatible with B. bovis. Other necropsy findings included red urine, dark-red kidneys, enlarged liver and spleen, red-orange discoloration of the liver, icterus, epicardial and endocardial hemorrhages, and congestion and edema of mesenteric lymph nodes.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

20

Padrões de ativação cerebral em idosos sadios durante tarefa de memória verbal de reconhecimento: a single-photon emission computerized tomography study/ Brain activation patterns during verbal recognition memory in elderly healthy volunteers

Busatto Filho, Geraldo; Garrido, Griselda EJ de; Cid, Carla G; Bottino, Cássio MC; Camargo, Cândida HP de; Cheda, Célia MD; Glabus, Michael F; Alvarez, Ana Maria M; Castro, Claudio C de; Jacob Filho, Wilson; Buchpiguel, Carlos A
2001-06-01

Resumo em português INTRODUÇÃO: Estudos que utilizam as técnicas de PET, SPECT e ressonância magnética funcional têm permitido o mapeamento dos circuitos cerebrais ativados durante diversas tarefas cognitivas. O campo da memória declarativa tem sido um dos mais intensamente estudados. No presente estudo, usa-se a técnica de mapeamento do fluxo sangüíneo cerebral regional (FSCr) por SPECT para investigar mudanças na atividade cerebral durante uma tarefa de memória episódica, em v (mais) oluntários idosos sadios (n=15). MÉTODOS: Duas avaliações de SPECT foram realizadas na mesma sessão, usando a técnica de dose dividida do traçador 99 m-Tc-HMPAO. Medidas de FSCr foram registradas durante uma tarefa de reconhecimento de material verbal previamente aprendido e durante uma tarefa-controle mais simples. Comparações de FSCr foram realizadas automaticamente, utilizando o programa Statistical Parametric Mapping (SPM). RESULTADOS: Observou-se aumento de FSCr durante a tarefa de memória em várias regiões cerebrais, incluindo: córtex pré-frontal lateral bilateralmente (mais acentuadamente à esquerda); porções posteriores e mediais de córtex parieto-occipital à esquerda; hemisférios cerebelares bilateralmente; e córtex temporal lateral bilateralmente (p Resumo em inglês INTRODUCTION: PET, SPECT and functional magnetic resonance imaging studies have allowed the delineation of brain circuits activated during several types of cognitive tasks. The field of declarative memory has been one of the most extensively investigated. In the present study, the regional cerebral blood flow (rCBF) SPECT technique was used to investigate changes in brain activity during a verbal memory task in a group of elderly healthy volunteers (n=15). METHODS:Two SPE (mais) CT acquisitions were performed in the same session, using the split-dose 99mTc-HMPAO technique. Measures of rCBF were taken during a recognition memory task and a simpler control task. Between-task comparisons were performed automatically using the Statistical Parametric Mapping (SPM) program. RESULTS: Increased rCBF during the memory task was seen in several brain regions, including: the lateral prefrontal cortex on both hemispheres (more intensely on the left side); posterior and medial portions of the left occipital and parietal cortices; the right and left cerebellar hemispheres; and the right and left lateral temporal cortex (p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

21

Mapeamento da área motora durante a cirurgia de tumor intracraniano: fatores que podem modificar a intensidade da estimulação/ Intraoperative mapping of motor areas during brain tumor surgery: electrical stimulation patterns

Brainer-Lima, Paulo Thadeu; Brainer-Lima, Alessandra Mertens; Brandt, Carlos Texeira; Carneiro, Geraldo Sá; Azevedo, Hildo C.
2005-03-01

Resumo em português O mapeamento com estimulação direta do córtex cerebral foi utilizado quando o tumor estava próximo ou infiltrava o lobo central. OBJETIVO: Avaliar interferências na técnica de estimulação eletrica direta do córtex e substância branca, sob anestesia geral, durante cirurgia para tumor cerebral relacionado ao lobo central. MÉTODO: Foram estudados 42 pacientes operados de junho de 2000 a junho de 2003. Os fatores que modificaram a intensidade da estimulação neces (mais) saria para localizar a área motora durante a cirurgia foram estudados. RESULTADOS: A intensidade necessária do estimulo foi maior entre os pacientes com déficit motor antes da cirurgia (p=0,425), edema na ressonância magnetica (p=0,468) e anestesia com proporfol contínuo (p=0,001). CONCLUSÃO: O mapeamento funcional do lobo central durante a cirurgia foi prejudicado pelo deficit motor acentuado, edema cerebral e anestesia com propofol contínuo. Resumo em inglês Brain mapping with direct electrical stimulation is usefull when the tumor is located near or has infiltrated the central lobe. OBJETIVE: To analize the surgical findings with direct electrical stimulation of the cortex and white matter under general anesthesia during surgery for brain tumors related to the central lobe. METHOD: We studied 42 patients operated on from June 2000 to June 2003. We analyzed surgical findings and details of brain mapping. RESULTS: The mean val (mais) ue of the intensity of the stimulus was greater among those who presented motor deficit prior to surgery (p = 0.0425) and edema on MRI (p= 0.0468) or during anesthesia with continuous propofol (p=0.001). CONCLUSION: The functional mapping of the central lobe may be influenced by severe motor deficit, edema on MRI and propofol's anesthesia.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

22

Epilepsia e neuroproteção: o papel do agonista adenosinérgico A1(RPia) na modulação da crise induzida por pilocarpina/ Epilepsy and neuroprotection: employment of the RPia during status epilepticus induced by pilocarpine

Silva, Iara Ribeiro; Nehlig, Astrid; Rosim, Fernanda Elisa; Vignoli, Thiago; Persike, Daniele Suzete; Blini, João Paulo; Cavalheiro, Esper Abrão; Sinigaglia-Coimbra, Rita; Fernandes, Maria José da Silva
2008-09-01

Resumo em português OBJETIVO: O objetivo desse estudo foi caracterizar a neuroproteção do RPia em ratos submetidos ao status epilepticus (SE) induzido pela pilocarpina (Pilo). MÉTODOS: Avaliou-se o balanço entre utilização local da glicose cerebral (ULGC) e fluxo sanguíneo cerebral local (FSCL) após 4 horas de SE, e a marcação por Fluoro Jade-B (FJB), 24 horas e 90 dias após SE. Quatro grupos foram avaliados: Salina, Pilo, RPia+Salina e RPia+Pilo. RESULTADOS E CONCLUSÃO: Aumentos (mais) significantes na ULGC foram observados na maioria das regiões avaliadas nos grupos Pilo e RPia+Pilo quando comparados ao controle. Entretanto, redução significante na ULGC ocorreu na substância negra pars reticulata e giro denteado do grupo RPia+Pilo versus Pilo. Houve aumento significante do FSCL em todas as áreas estudadas, comparando-se os grupos Pilo e RPia+Pilo com o controle. Foi observado um aumento significante do FSCL durante SE em CA2, CA3, giro denteado, córtex entorrinal, corpo mamilar, núcleos talâmicos, núcleo rubro, zona incerta, núcleo oral da ponte e córtex visual, no grupo pré-tratado com RPia comparado ao tratado somente com Pilo. Grande número de células marcadas com FJB foi observado no grupo Pilo e o pré-tratamento com RPia reduziu essa marcação na formação hipocampal, córtex piriforme, amígdala basolateral e substância negra pars compacta. Resumo em inglês OBJECTIVE: The aim of this study was to characterize the neuroprotection of the RPia in rats subjected to status epilepticus (SE) induced by pilocarpine (Pilo). METHODS: We evaluated the mismatch between local cerebral glucose utilisation (LCGU) and local cerebral blood flow (LCBF) 4 hours after SE induction. Neuronal loss was evaluated by Fluoro Jade-B (FJB) 24 hours and 90 days after SE. Four groups were studied: Saline, Pilo, RPia+Saline and RPia+Pilo. RESULTS AND CONC (mais) LUSIONS: Significant increases in the LCGU were observed in the almost all brain regions of Pilo and RPia+Pilo groups compared to control. However, significant reduction in the LCGU occurred in the substantia nigra pars reticulata and hippocampal formation of RPia+Pilo group versus Pilo. There was significant increase of the LCBF in all the studied areas, comparing the Pilo and RPia+Pilo groups with the control. The increases of LCBF was more intense in rats from RPia+Pilo compared to Pilo, and located mainly in CA2, CA3, dentate gyrus, entorhinal cortex, thalamic nuclei, mammillary body, red nucleus, zone incerta, pontine nucleus and visual cortex. A great number FJB stained cells was observed in the Pilo group and RPia pretreatment reduced the staining in the hippocampal formation, piriform cortex, basolateral amygdala and substantia nigra pars compacta.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

23

Assimetria cerebral e lateralização da linguagem: déficits nucleares na esquizofrenia como indicadores da predisposição genética/ Cerebral asymmetry and the lateralization of language: core deficits in schizophrenia as pointers to the genetic predisposition/ Asimetría cerebral y lateralización del lenguaje: déficits nucleares en la esquizofrenia como indicadores de predisposición genética

Crow, Timothy J.
2004-08-01

Resumo em português OBJETIVO: Assimetria cerebral (o torque do frontal direito em relação ao occipital esquerdo) é a característica definidora do cérebro humano e, conforme proposto por Broca, o correlato neural putativo da linguagem. Se, conforme sugerido, a esquizofrenia é o preço que Homo sapiens precisa pagar pela linguagem, o torque, juntamente com seus correlatos funcionais, é de fundamental importância. São revisadas recentes evidências obtidas a partir de estudos anatômic (mais) os, funcionais e genéticos. ACHADOS RECENTES: Estudos de imagem, post mortem e anatômicos demonstram evidências de uma redução ou reversão de aspectos de assimetria, particularmente no córtex de associação occipitotemporoparietal. Em alguns estudos, há interação com o sexo. Há evidências de que uma alteração no lobo temporal esquerdo é, às vezes, progressiva. Estudos funcionais acrescentam credibilidade ao conceito de que a lateralização da linguagem é reduzida e, em alguns casos, revertida. RESUMO: A dimensão da assimetria se destaca como a variável que pode dar significância às observações entre campos de investigação e que proporciona uma solução para a base genética da psicose. Estudos de gêmeos monozigóticos discordantes têm apresentado fortes indicações de que a variação relevante é epigenética; isso é consistente com a possibilidade de que a variação seja relacionada a alterações estruturais recentes (a transposição duplicativa Xq21.3/Yp) dos cromossomos sexuais. Resumo em espanhol OBJETIVO: Asimetría cerebral (el torque del frontal derecho al occipital izquierdo) es la característica definidora del cerebro humano y, conforme al propuesto por Broca, el correlato neuronal putativo del lenguaje. Si, conforme a lo sugerido, la esquizofrenia es el precio que el Homo sapiens debe pagar por el lenguaje, el torque, juntamente con sus correlatos funcionales, es de importancia fundamental. Se revisan recientes evidencias obtenidas a partir de estudios anat (mais) ómicos, funcionales y genéticos. HALLAZGOS RECIENTES: Estudios de imagen, post mortem y anatómicos, demuestran evidencias de una reducción o reversión de aspectos de asimetría, particularmente en la corteza de asociación occipito-temporo-parietal. En algunos estudios, hay interacción con el sexo. Hay evidencias de que una alteración en el lóbulo temporal izquierdo es, a veces, progresiva. Estudios funcionales agregan credibilidad al concepto de que la lateralización del lenguaje es reducida y, en algunos casos, revertida. RESUMEN: La dimensión de la asimetría se destaca como la variable que puede dar significación a las observaciones entre campos de investigación y que proporciona una solución para la base genética de la psicosis. Estudios de gemelos monocigóticos discordantes vienen presentando fuertes indicaciones de que la variación relevante es epigenética; ello es consistente con la posibilidad de que la variación esté relacionada a alteraciones estructurales recientes (la trasposición replicativa Xq21.3/Yp) de los cromosomas sexuales. Resumo em inglês PURPOSE OF REVIEW: Cerebral asymmetry (the torque from right frontal to left occipital) is the defining feature of the human brain, and as Broca proposed, the putative neural correlate of language. If as has been suggested schizophrenia is the price that Homo sapiens pays for language, the torque together with its functional correlates is of central significance. Recent evidence from anatomical, functional and genetic studies is reviewed. RECENT FINDINGS: Both post-mortem (mais) and anatomical imaging studies show evidence of a reduction or reversal of aspects of asymmetry particularly in the occipito-temporo-parietal association cortex. In some studies there is an interaction with sex. There is evidence that change in the left temporal lobe is sometimes progressive. Functional studies add substance to the concept that the lateralization of language is reduced and in some aspects reversed. SUMMARY: The dimension of asymmetry stands out as the variable that can make sense of observations across fields of investigation, and provides a key to the genetic basis of psychosis. Discordant monozygotic twin studies have indicated strongly that the relevant variation is epigenetic; this is consistent with the possibility that the variation is related to recent structural changes (the Xq21.3/Yp duplicative transposition) on the sex chromosomes.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

24

Polioencefalomalacia em caprinos e ovinos na região semi-árida do Nordeste do Brasil/ Polioencephalomalacia in goats and sheep in the semiarid region of northeastern Brazil

Lima, Everton F.; Riet-Correa, Franklin; Tabosa, Ivon M.; Dantas, Antônio Flávio M.; Medeiros, Josimar M.; Sucupira Júnior, Gerôncio
2005-03-01

Resumo em português Descrevem-se 7 surtos de polioencefalomalacia em caprinos e 3 surtos em ovinos no semi-árido nordestino. Foram afetados animais de diversas idades em diferentes épocas do ano. Em 5 surtos os animais eram suplementados com concentrados e em 5 consumiam somente pastagem. Em um dos surtos os ovinos estavam recebendo à vontade uma mistura múltipla contendo 1,3% de flor de enxofre. Os sinais clínicos caracterizaram-se por cegueira, depressão, pressão da cabeça contra o (mais) bjetos, andar em círculos, ranger de dentes, incoordenação, paralisia espástica, ataxia, diminuição dos reflexos palpebral e pupilar, estrabismo lateral, nistagmo e pupilas dilatadas. De 9 animais tratados com tiamina e dexametasona, 7 se recuperaram e 2 morreram. O diagnóstico foi feito com base na recuperação após o tratamento e/ou a presença de alterações histológicas características. O curso clínico variou de 2 a 15 dias. Três animais foram necropsiados. Um animal apresentou herniação do cerebelo em direção ao Forame magno e amolecimento das circunvoluções cerebrais e, ao corte, coloração amarelada e cavitação da substância cinzenta do córtex. Outro animal apresentou somente herniação do cerebelo. No terceiro animal não foram observadas lesões macroscópicas. As alterações histológicas caracterizaram-se por necrose laminar do córtex cerebral e, em dois animais, por lesões de malácia no tálamo e colículo rostral. Desconhece-se a etiologia em 9 dos surtos estudados. Em outro se sugere que tenha sido causado por intoxicação por enxofre, contido principalmente na mistura múltipla constituída por com 1,3% de flor de enxofre (96% de enxofre) e 30% de cama de galinha (0,39% de enxofre). Resumo em inglês Seven outbreaks of polioencephalomalacia in goats and 3 in sheep are reported from the semiarid region of northeastern Brazil. Animals of different ages were affected in various seasons of the year. In 5 outbreaks the animals were supplemented with concentrate ration and in 5 others they were only grazing on pastures. In one outbreak sheep were supplemented with an energy-protein-mineral mixture containing 1.3% of sulfur flower. Clinical signs were characterized by blindn (mais) ess, depression, head pressing, circling, grinding of the teeth, incoordination, spastic paralysis, ataxia, depression of the palpebral and pupillary reflexes, lateral strabismus, nystagmus, and dilated pupils. Nine affected animals were treated with thiamine and dexamethasone; 7 of them recovered but 2 died. The diagnosis of the disease was based on the recovered animals after treatment and/or on the histologic lesions. The clinical course varied from 2 to 15 days. On three animals post-mortem examination was made. One had herniation of the cerebellum through the Foramen magnum and softening of the cerebral cortex. The cut surface of the cerebral cortex showed cavitation and yellowish discoloration. Another animal had only cerebellar herniation. In a third animal no gross lesions were observed. Histological changes in the 3 animals were laminar necrosis of the cerebral cortex, and in 2 malacia of the thalamus and the rostral colliculi was also observed. In 9 outbreaks the cause of the disease was not determined, but one was probably due to sulfur toxicosis caused by the high sulfur content of the energy-protein-mineral mixture containing 1.3% of sulfur flower (96% sulfur) and 30% chicken litter (0.39% sulfur).

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

25

Meningoencefalite e encefalomalacia por Herpesvírus bovino-5: distribuição das lesões no sistema nervoso central de bovinos naturalmente infectados/ Bovine herpesvirus type-5 meningoencephalitis and malacia: histological lesions distribution in the central nervous system of naturally infected cattle

Elias, Fabiana; Schild, Ana Lucia; Riet-Correa, Franklin
2004-09-01

Resumo em português Para determinar a distribuição das lesões histológicas que ocorrem no sistema nervoso central (SNC) de bovinos naturalmente infectados por herpesvírus bovino-5 (BHV-5) foram estudados 12 bovinos provenientes de 10 surtos da enfermidade diagnosticados pelo Laboratório Regional de Diagnóstico (LRD) da Faculdade de Veterinária da UFPel, entre 1986 e 2003. A epidemiologia, história clínica e evolução da enfermidade foram obtidas dos arquivos do LRD. Cortes do SNC (mais) foram realizados nos materiais conservados em formalina 10%, abrangendo as regiões frontal, parietal, temporal e occipital do córtex telencefálico, cápsula interna e núcleos da base, tálamo, colículo rostral, ponte, pedúnculos cerebelares, cerebelo, bulbo na altura do óbex e medula cervical. As secções foram processadas rotineiramente e coradas por hematoxilina e eosina. Foram avaliadas a distribuição e intensidade das lesões inflamatórias e de malacia, que foram relacionadas com os aspectos epidemiológicos e clínicos da doença. Surtos da enfermidade foram observados em todas as estações ano. Foram afetados bovinos de 2 a 24 meses, de diferentes raças e de ambos os sexos. Macroscopicamente, foram observadas áreas amareladas e deprimidas no córtex telencefálico de cinco bovinos necropsiados. Adicionalmente, essas lesões foram observadas no tálamo, núcleos da base e cápsula interna de dois bovinos. Congestão e hemorragias multifocais foram observadas na maioria dos casos. Em todos os bovinos estudados a lesão histológica caracterizou-se por meningoencefalite não-supurativa observada em todas os cortes, porém mais acentuada no córtex frontal. Áreas de malacia focal ou difusa com presença de células "Gitter" foram observadas em todas as regiões do córtex cerebral e nos núcleos da base, cápsula interna e tálamo. Em alguns casos, lesões discretas de malacia foram observadas no colículo rostral, ponte, bulbo, cerebelo e medula cervical. Corpúsculos de inclusão intranucleares foram encontrados em todos os casos estudados nas diferentes regiões do córtex cerebral, preferentemente em áreas que apresentavam lesões inflamatórias e de malacia discretas a moderadas. Em dois casos estes corpúsculos foram observados, também, nos núcleos da base e tálamo. Foi observado que a intensidade das lesões histológicas não é proporcional ao curso clínico da enfermidade. A presença de lesões de malacia em diferentes regiões do SNC, aspecto não mencionado na maioria dos trabalhos anteriores sobre a doença, pode ser devida a variações na patogenicidade das cepas virais envolvidas. Outra possibilidade é que a encefalite tenha ocorrido em conseqüência da reativação do BHV-5 em animais afetados por polioencefalomalacia. Essa seqüência de eventos já foi demonstrada previamente em experimentos realizados pelo grupo de pesquisa dos autores. Resumo em inglês The distribution of the histological lesions in the central nervous system (CNS) of cattle naturally infected by bovine herpes virus type-5 (BHV-5) was determined in 12 affected calves from 10 outbreaks of the disease diagnosed by the Regional Diagnostic Laboratory (LRD) at Pelotas University, from 1986 to 2003. The epidemiological data, clinical signs and duration of clinical course were obtained from the files of LRD. Transversal sections were performed at different lev (mais) els in 10% formalin-fixed CNS. The sections were made in the frontal, parietal, temporal e occipital lobes of the telencephalic hemispheres, basal ganglia and internal capsule, thalamus, anterior colliculus, pons, cerebellar peduncles, cerebellum, medulla oblongata and cervical spinal cord. Paraffin embedded tissues were sectioned and stained with hematoxylin and eosin. The severity and distribution of the inflammatory and malacic lesions were evaluated in all sections. These lesions were related with the epidemiological and clinical aspects of the disease. The outbreaks of the disease were observed in different seasons of the year. Affected animals were 2 to 24-month-old, of different breeds and both sexes. Gross lesions characterized by yellow and depressed areas in the cerebral cortex were observed in five calves. In two of them, similar lesions were additionally observed in thalamus, basal nuclei, and internal capsule. Congestion and multifocal hemorrhages were observed in most cases. The histological lesions were characterized by non-suppurative meningoencephalitis in all sections of CNS, but more severe in the frontal cortex. Focal or widespread malacia with infiltration of Gitter cells were observed in all sections of cerebral cortex, basal ganglia, internal capsule, and thalamus. In some cases mild malacia was also observed in the rostral colliculi, pons, medulla, cerebellum and cervical spinal cord. Intranuclear inclusion bodies were seen in all cases studied; they were frequent in regions of the cerebral cortex near mild to moderate inflammatory or malacic lesions. In two cases the inclusion bodies were also seen in the basal ganglia and thalamus. The severity of the histological lesions was not proportional with the clinical course of the disease. The presence of lesions of malacia in different regions of the CNS, an aspect not mentioned in most reports of BHV-5 infections, could be due to variable pathogenicity of different virus isolates. Alternatively, it is possible that BHV-5 encephalitis occurs due to the reactivation of the virus in cattle previously affected by polioencefalomacia; this last sequence of events was already demonstrated experimentally by our research group.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

26

Encefalopatia traumática crônica do boxeador (dementia pugilistica)/ Chronic traumatic encephalopathy (dementia pugilistica) of the box player

Areza-Fegyveres, Renata; Caramelli, Paulo; Nitrini, Ricardo
2005-01-01

Resumo em português A dementia pugilistica é caracterizada clinicamente por declínio cognitivo, alterações de comportamento e sinais parkinsonianos. Do ponto de vista neuropatológico, o achado mais marcante é o de numerosos emaranhados neurofibrilares no córtex cerebral na virtual ausência de placas senis. O objetivo deste artigo é apresentar revisão do tema, enfatizando as alterações cognitivas, epidemiologia, neuropatologia, estratégias de detecção precoce e relação com a doença de Alzheimer. Resumo em inglês Dementia pugilistica is characterized by cognitive decline, behavioral changes, and parkinsonian signs. The most remarkable neuropathological finding is the large amount of neurofibrillary tangles and virtual absence of senile plaques. The aim of the study is to revise the subject, particularly the clinical picture, epidemiology, neuropathology, the strategies for early detection of cognitive signs, and its relation with Alzheimer's disease.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

27

Análise comparativa de cortes de encéfalos humanos com coloração por três técnicas diferentes/ Comparative analysis of human brain slices with three different staining techniques

Meneses, Murilo Sousa de; Montano Pedroso, Juan Carlos; Fuzza, Rúbia Fátima; Milano, Jerônimo Buzetti
2004-06-01

Resumo em português O estudo anatômico do encéfalo em cortes é facilitado empregando-se métodos de coloração para substância cinzenta. Os métodos mais freqüentemente empregados são os de Barnard, Robert e Brown, Mulligan e Green. O objetivo deste estudo foi determinar qual dessas técnicas apresenta melhores resultados com relação à diferenciação entre substâncias branca e cinzenta. Trinta cortes coronais de hemisfério cerebral humano foram submetidos às três técnicas, co (mais) mparados entre si e analisados de acordo com três parâmetros estabelecidos: grau de diferenciação entre as substâncias branca e cinzenta; presença de linha única e contínua separando a substância branca do córtex cerebral; grau de impregnação da coloração em outros locais de substância branca. Atribuíram-se pontuações de 0 a 3 conforme a presença destes parâmetros, cada corte recebendo pontuação total que variava de 0 a 9. Após análise estatística, a técnica de Barnard, Robert e Brown apresentou média 8,33; a de Green 7,93 e a de Mulligan, 7,5, com diferença estatisticamente significativa. Resumo em inglês Studing neuroanatomy at brain slices with gray matter staining techniques has several advantages. More often, the models described by Barnard, Robert and Brown, Mulligan, and Green are used. The aim of this study was to identify which of them achieves the best results on differentiation between the gray and the white matter. Thirty coronal slices of human brains underwent staining by the three techniques, and thus compared and analysed according this three parameters: deg (mais) ree of differentiation between white and gray matter, presence of a single and uninterrupted line dividing the white matter from the brain cortex; and degree of impregnation of the color staining in the white matter; scores from 0 to 3 have been given for the three parameters, with total score from 0 to 9. After statistic analysis, the Barnard, Robert and Brown model showed the best results, followed by Green's and Mulligan's.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

28

Hipometabolismo cerebral em pacientes com esclerose mesial temporal demonstrado pelo FDG-PET/ Brain hypometabolism in patients with mesial-temporal sclerosis demonstrated by FDG-PET

DUARTE, PAULO S.; ZHUANG, HONGMING; KING, DAVID; ALAVI, ABASS
2000-09-01

Resumo em português O objetivo deste estudo foi avaliar a extensão do hipometabolismo cerebral em pacientes com esclerose mesial temporal (EMT). MÉTODO: Este estudo retrospectivo incluiu 21 pacientes que apresentavam epilepsia parcial complexa refrataria à terapia e que foram selecionados para cirurgia após análise extensa que incluía: EEG de superfície e estudos de neuroimagem (PET, SPECT e ressonância magnética). Todos os pacientes foram submetidos a intervenção cirúrgica e tiv (mais) eram confirmação histológica de EMT. Uma análise semi-quantitativa foi realizada, utilizando regiões de interesse (ROIs) nas seguintes estruturas: lobos frontais, parietais e occipitais, gânglios da base, tálamos, cerebelo e três diferentes regiões nos lobos temporais, que compreendiam o córtex medial, inferior e lateral. Um índice de assimetria (IA) foi calculado, comparando as contagens por pixel nas estruturas homólogas em ambos os hemisférios cerebrais. Os IAs das diferentes estruturas foram então correlacionados. RESULTADOS: Uma correlação significativa foi demonstrada entre os IAs do córtex medial dos lobos temporais e aqueles dos lobos frontais, dos lobos parietais, dos gânglios da base e dos tálamos (r = 0,72, 0,62, 0,47 e 0,47 respectivamente com p Resumo em inglês The purpose of this study was to evaluate the extent of brain hypometabolism in patients with mesial-temporal sclerosis (MTS). METHOD: This retrospective study included 21 patients who had medically refractory complex partial seizures and were selected for surgical therapy after a comprehensive evaluation which included surface EEG recordings and neuroimaging studies (PET, SPECT and MRI). All patients were subjected to surgical intervention and had an histopathological co (mais) nfirmation of MTS. A semi-quantitative analysis of the PET images was performed using regions of interest in the following structures: frontal, parietal and occipital lobes, basal ganglia, thalami, cerebellum and three different regions in the temporal lobes, which included medial, inferior and lateral cortices. An asymmetry index (AI) was calculated, comparing the counts per pixel in the homologous structures in both brain hemispheres. The AI of the different structures were then correlated. RESULTS: A significant correlation was demonstrated between the AI of the medial temporal cortices and the frontal lobe, parietal lobe, basal ganglia and thalami (r = 0.72, 0.62, 0.47 and 0.47 respectively with p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

29

Identificação de regiões cerebrais de linguagem: estudo de ressonância magnética funcional em pacientes com epilepsia refratária de lobo temporal/ Identifying language cerebral functions: a study of functional magnetic resonance imaging in patients with refractory temporal lobe epilepsy

Fontoura, Denise Ren da; Branco, Daniel de Moraes; Anés, Mauricio; Costa, Jaderson Costa da; Portuguez, Mirna Wetters
2008-03-01

Resumo em português OBJETIVO: Identificar as regiões cerebrais responsáveis pelas funções de linguagem através de Ressonância Magnética funcional (RMf) em pacientes com epilepsia refratária de lobo temporal. METODOLOGIA: Foi realizada RMf utilizando-se o paradigma de geração de verbos. Os pacientes ouviam palavras concretas e eram orientados a pensar na sua finalidade, sem verbalizar (ex: faca-cortar). Utilizou-se o cálculo de índice de lateralidade (IL) e a verificação do grau (mais) de ativação das áreas classicamente envolvidas na linguagem. RESULTADOS E CONCLUSÕES: Constatou-se que 92,3% dos pacientes investigados apresentaram linguagem em hemisfério esquerdo, e 7,7%, linguagem mista. Observou-se que existe maior freqüência de pacientes com ativação nas regiões de Broca esquerda, Córtex Pré-motor esquerdo, área de Wernicke esquerda e Córtex Auditivo esquerdo. Resumo em inglês PURPOSE: The purpose of this study was to identify the brain regions for language functions with the functional Magnetic Resonance Image (fMRI) in patients suffering from intractable temporal lobe epilepsy. METHODS: During fMRI, patients performed a verb-generation task. They heard concrete words through headphones and were asked to think of their utility (e.g. pencil - to write), without verbalizing or making any facial or tongue movements, keeping silent and with eyes s (mais) hut. A laterality index (LI) was calculated and we verify the brain regions activities for language. RESULTS AND CONCLUSIONS: Our results identified that that 92.3% of the patients analyzed by fMRI presented left hemisphere language and 7.7% presented mixed language representation. It was observed more patients with activation in left Broca area, left pré-motor cortex, left Wernicke area and left hearing cortex.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

30

Meningoencefalite em bovinos causada por herpesvírus bovino-5 no Mato Grosso do Sul e São Paulo/ Meningoencephalitis in cattle caused by bovine herpesvirus-5 in Mato Grosso do Sul and São Paulo

Salvador, Sandro César; Lemos, Ricardo A. A.; Riet-Correa, Franklin; Roehe, Paulo Michel; Osório, Ana Luiza A. R.
1998-04-01

Resumo em português Quinze focos de meningoencefalite por herpesvírus bovino-5 (BHV-5) foram diagnosticados entre agosto de 1993 e dezembro de 1996, sendo 14 provenientes do estado do Mato Grosso do Sul e um do estado de São Paulo. A doença ocorreu em diversos municípios e em diferentes épocas do ano. Foram afetados bovinos de 6 a 60 meses de idade, com uma morbidade de 0,05% a 5% e letalidade próxima a 100%. Os sinais clínicos foram exclusivamente nervosos e o curso da enfermidade va (mais) riou de 1 a 15 dias. As principais lesões histológicas detectadas foram meningite e encefalite difusa com malacia do córtex cerebral e presença de corpúsculos de inclusão intranucleares em astrócitos e neurônios. O vírus foi isolado do cérebro de 11 de um total de 12 animais, e sua identidade confirmada por imunoperoxidase, utilizando-se anticorpos monoclonais específicos. Os surtos de encefalite por BHV-5 representam 5% dos diagnósticos realizados em bovinos pelo Hospital Veterinário da Universidade Federal do Mato Grosso do Sul. Os resultados deste trabalho evidenciam a importância da doença no Mato Grosso do Sul e indicam a necessidade de incluir a encefalite por BHV-5 no diagnóstico diferencial de outras doenças do sistema nervoso de bovinos frequentes no Estado. Resumo em inglês Fifteen outbreaks of bovine herpesvirus-type 5 (BHV-5) infection were diagnosed from August 1993 to December 1996. Fourteen outbreaks occurred in the State of Mato Grosso do Sul and one in the State of São Paulo. Cattle 6 to 60 months old were affected. Morbidity reached 0.05% to 5% and case fatality rate was nearly 100%. The disease occurred in different municipalities and at different times of the year. Clinical signs were exclusively nervous, and the clinical course v (mais) aried from 1 to 15 days. The main histologic lesions were meningitis, diffuse encephalitis and necrosis of the cerebral cortex with intranuclear inclusion bodies in astrocytes and neurons. BHV-5 was isolated from 11 out of 12 brains of infected animals inoculated in calf testis cells and MDBK cells. The virus was identified by immunoperoxidase staining with use of monoclonal specific antibodies. Outbreaks of infection by BHV-5 represent 5% of the total number of bovine cases submitted for diagnosis to the Clinical Hospital of the University of Mato Grosso do Sul. These results indicate the importance of the disease in Mato Grosso do Sul and the need for its differentiation from other diseases which affect the nervous system.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

31

Alterações na distribuição de potência cortical em função da consolidação da memória no aprendizado de datilografia/ Changes in cortical power distribution produced by memory consolidation as a function of a typewriting skill

Cunha, Marlo; Bastos, Victor Hugo; Veiga, Heloisa; Cagy, Maurício; McDowell, Kaleb; Furtado, Vernon; Piedade, Roberto; Ribeiro, Pedro
2004-09-01

Resumo em português O objetivo do presente estudo foi investigar alterações nos padrões eletroencefalográficos de sujeitos normais e destros durante o aprendizado de uma tarefa motora (datilografia). Estudos têm demonstrado que o córtex cerebral é susceptível a modificações durante a aprendizagem e que alterações nos padrões elétricos corticais ocorrem em função da aquisição de uma habilidade motora e da consolidação da memória. Assim, a atividade elétrica cortical dos (mais) sujeitos foi analisada antes e depois da prática motora. Os dados foram captados pelo "Braintech" 3000 e analisados pelo programa "Neurometrics". Para a análise estatística, variáveis comportamentais tais como tempo e erro, foram analisadas através do teste ANOVA "one-way" (diferenças entre blocos). Em seguida, foi utilizado um Teste-t pareado para os pares de eletrodos CZ-C3/CZ-C4, nas bandas de freqüência teta e alfa. Os resultados principais demonstraram mudança na performance através das variáveis comportamentais "tempo" e "número de erros". Concomitantemente, não foram observadas alterações na variável neurofisiológica "Potência Absoluta" na banda teta. Em contrapartida, houve um aumento significativo na banda alfa em áreas centrais (CZ-C3/CZ-C4). Tais resultados sugerem uma adaptação do córtex sensório-motor em função do treinamento de datilografia. Resumo em inglês The present study aimed to investigate alterations in EEG patterns in normal, right-handed individuals, during the process of learning a specific motor skill (typewriting). Recent studies have shown that the cerebral cortex is susceptible to several changes during a learning process and that alterations in the brain's electrical patterns take place as a result of the acquisition of a motor skill and memory consolidation. In this context, subjects' brain electrical activit (mais) y was analyzed before and after the motor task. EEG data were collected by a Braintech 3000 and analyzed by Neurometrics. For the statistical analysis, the behavioral variables "time" and "number of errors" were assessed by a one-way ANOVA. For the neurophysiological variable "Absolute Power", a paired t-Test was performed for each pair of electrodes CZ-C3/CZ-C4, in the theta and alpha frequency bands. The main results demonstrated a change in performance, through both behavioral variables ("time" and "number of errors"). At the same time, no changes were observed for the neurophysiological variable ("Absolute Power") in the theta band. On the other hand, a significant increase was observed in the alpha band in central areas (CZ-C3/CZ-C4). These results suggest an adaptation of the sensory-motor cortex, as a consequence of the typewriting training.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

32

Manifestações eletrofisiológicas em adultos com HIV/AIDS submetidos e não-submetidos à terapia anti-retroviral/ Electrophysiological manifestations in adults with HIV/AIDS submitted and not submitted to antiretroviral therapy

Matas, Carla Gentile; Silva, Sara Manami; Marcon, Bruna de Almeida; Gonçalves, Isabela Crivellaro
2010-06-01

Resumo em português TEMA: os potenciais evocados auditivos (PEA) avaliam a atividade neuroelétrica na via auditiva, desde o nervo auditivo até o córtex cerebral, em resposta a um estímulo ou evento acústico. Estudos demonstram anormalidades eletrofisiológicas em indivíduos com HIV/AIDS. OBJETIVO: caracterizar as manifestações eletrofisiológicas da audição em adultos com HIV/AIDS, comparando os resultados obtidos no grupo exposto a tratamento anti-retroviral com os obtidos no grup (mais) o não exposto a tratamento. MÉTODO: realizada avaliação eletrofisiológica da audição (PEATE, PEAML e P300) em 56 indivíduos portadores do HIV/AIDS, sendo 24 do Grupo I (não expostos ao tratamento anti-retroviral) e 32 do Grupo II (expostos ao tratamento). RESULTADOS: foram encontradas alterações em todos os PEA nos indivíduos com HIV/AIDS, principalmente no PEATE; sendo que neste, o grupo exposto ao tratamento antiretroviral apresentou mais alterações. CONCLUSÃO: indivíduos com HIV/AIDS podem apresentar alterações no sistema nervoso auditivo periférico e central, sendo que o grupo exposto a tratamento anti-retroviral apresenta mais alterações na via auditiva em tronco encefálico. Resumo em inglês BACKGROUND: auditory evoked potentials (AEP) assess the neuroelectric activity on the auditory pathway -from the auditory nerve to the cerebral cortex - in response to an acoustic stimulus or event. Studies have demonstrated electrophysiological abnormalities in individuals with HIV/AIDS. AIM: to characterize the hearing electrophysiological manifestations in adults with HIV/AIDS by comparing the results obtained in the group exposed to antiretroviral therapy with those o (mais) btained in the group not exposed to such treatment. METHOD: electrophysiological evaluation of hearing (Auditory Brainstem Response - ABR, Auditory Middle Latency Reponse - AMLR and P300) was conducted in 56 individuals with HIV/AIDS: 24 participants composed group I (not exposed to antiretroviral treatment) and 32 participants composed group II (exposed to treatment). RESULTS: alterations in every AEP were observed in individuals with HIV/ AIDS, especially in the ABR. Indeed, the group exposed to antiretroviral treatment presented more alterations. CONCLUSION: individuals with HIV/AIDS may present alterations on the central and peripheral auditory nervous system. The group exposed to antiretroviral therapy presents more alterations on the brainstem auditory pathway.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

33

As bases neuroanatômicas do comportamento: histórico e contribuições recentes/ Neuroanatomical basis of behavior: history and recent contributions

Ribas, Guilherme Carvalhal
2007-03-01

Resumo em português Tendo em vista as mais recentes contribuições, as áreas corticais límbicas - originalmente denominadas em conjunto de grande lobo límbico -, além dos giros do cíngulo e parahipocampal, são constituídas pelas regiões mais posteriores do córtex fronto-orbitário e pelo córtex insular. Em contraposição ao restante do córtex cerebral, que se projeta sobre os gânglios da base (particularmente sobre as porções mais dorsais e mais extensas do striatum, constitu (mais) ídas fundamentalmente pelo núcleo caudado e pelo putame), as áreas corticais límbicas se caracterizam por se projetarem principalmente sobre o hipotálamo e também sobre a porção mais ventral do striatum (principalmente sobre o núcleo accumbens). Uma vez que todo o striatum se projeta para o globo pálido - e este para o tálamo, que se projeta para o córtex cerebral, constituindo-se, assim, circuitos córtico-subcorticais reentrantes -, tem-se que, enquanto as alças relacionadas com o striatum e o pallidum dorsais são responsáveis por atividades e rotinas motoras, as alças relacionadas com o striatum e o pallidum ventrais caracterizam circuitos córtico-subcorticais reentrantes e segregados que se relacionam particularmente com funções comportamentais. A amígdala estendida (amígdala centromedial, componente dorsal ou estria terminal, componente ventral e núcleo da estria terminal), por sua vez, também recebe aferências de todas as áreas corticais límbicas, é particularmente modulada pelas áreas corticais pré-frontais e, ao invés de se projetar sobre o striatum, projeta-se diretamente sobre o hipotálamo e o tronco encefálico. Ao receber também conexões diretas do tálamo, a amígdala estendida pode ainda desencadear respostas principalmente autonômicas, de forma inespecífica, porém rápida, através da ativação de centros do tronco encefálico. Os sistemas macro-anatômicos fronto-basais, estriatal-palidal ventral e amígdala estendida, em conjunto com o núcleo basal de Meynert e com o sistema septo-banda diagonal, constituem as principais estruturas e sistemas que possuem conexões com as áreas corticais límbicas e que, em conjunto com estas, atuam sobre o hipotálamo e o tronco encefálico que, por sua vez, geram os componentes autonômicos, endócrinos e somatomotores das experiências emocionais e que regulam as atividades básicas de beber, comer e pertinentes ao comportamento sexual. Resumo em inglês Considering the most recent contributions, the limbic cortical areas, originally known as the greater limbic lobe, besides the cingulated and the parahippocampal gyri also includes the insula and the posterior orbital cortex. In contrast to the nonlimbic cortical areas that project to the basal ganglia (particularly over the dorsal aspects of the striatum, constituted by the caudate nucleus and by the putamen), the limbic cortical areas are characterized by projecting to (mais) the hypothalamus and also to the ventral striatum (particularly to the nucleus accumbens). Once all the striatum projects to the globus pallidus which projects to the thalamus and then to the cortex, generating cortical-subcortical reentrant circuits, while the dorsal striatum and pallidum related cortico-subcortical loops are involved with motor activities, the ventral cortical-striatal-pallidal system is particularly related with behavior functions. The extended amygdala (central medial amygdala, stria terminalis or dorsal component, ventral component, and bed nucleus of stria terminalis) receives inputs primarily from the limbic cortical areas, is particularly modulated by the prefrontal cortex, and receives also direct connections from the thalamus that enables the amygdala to generate nonspecific and quick responses through its projections to the hypothalamus and to the brainstem. The ventral striatal-pallidal and the extended amygdala are then two basal forebrain macro-anatomical systems, that together with the basal nucleus of Meynert and with the septal-diagonal band system, constitute the main structures that are particularly connected with the limbic cortical areas, and that altogether project to the hypothalamus and to the brainstem which give rise to the autonomic, endocrine and somatosensory components of the emotional experiences, and that regulate the basic activities of drinking, eating, and related to the sexual behavior.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

34

Transtorno obsessivo-compulsivo e os gânglios da base/ Obsessive-compulsive disorder and the basal ganglia

Miguel Filho, Eurípedes Constantino
1995-12-01

Resumo em português O transtorno obsessivo compulsivo (TOC), caracterizado por obsessões e compulsões, foi descrito com frequência aumentada em várias doenças que acometem primariamente of gânglios da base sugerindo que estas estruturas também estivessem acometidas no TOC. Os gânglios da base, que no passado se acreditava estarem implicados apenas no comportamento motor, são, na verdade, importantes em inúmeras outras funções psíquicas como o processamento de vivências cognitiv (mais) as. Estudos recentes utilizando imagem de ressonância magnética mostraram tendência a diminuição do núcleo caudado em pacientes com TOC. De forma coerente, estudos com neuroimagem funcional, sugerem a implicação de um circuito cerebral envolvendo o córtex órbito-frontal, o giro cíngulo, o núcleo caudado e o tálamo na patofisiologia do TOC. Entre as diversas hipóteses formuladas a partir desses achados, especula-se que um déficit no funcionamento do núcleo caudado levaria a uma filtragem inadequada de preocupações que então estimulariam o córtex órbito-frontal a desencadear ações adaptativas: as compulsões. Resumo em inglês Obsessive-compulsive disorder (OCD), characterized by obsessions and compulsions, was described as more frequent in patients with primary lesions of the basal ganglia suggesting that these brain structures may be also altered in OCD. The basal ganglia, that were considered important only for the motor control, are known now as crucial for many other mental functions as processing of cognitive experience. Recent studies using magnetic resonance image have found a tendency (mais) for smaller caudate nucleus in patients with OCD. Consistently, studies using functional neuroimaging suggest implication of a neurocircuit that includes the orbitalfrontal cortex, the cingulate cortex, caudate nucleus and thalamus in the pathophysiology of OCD. Among several hypotheses formulated to explain these findings, some authors speculated that a deficit of the caudate nucleus function would lead to inadequate filtering of worry inputs which would trigger the orbitalfrontal cortex to develop adaptative responses: the compulsions.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

35

Degeneração esponjosa no sistema nervoso central de bezerros da raça Sindhi/ Spongious degeneration in the central nervous system in Sindhi calves

Guedes, Karla M.R.; Schild, Ana L.; Riet-Correa, Franklin; Barros, Severo S. de; Simões, Sara V.D.
2006-09-01

Resumo em português Degeneração esponjosa (status spongiosus) agrupa várias alterações histológicas caracterizadas pela formação de vacúolos no neurópilo em diferentes regiões do sistema nervoso central (SNC). Essa vacuolização pode ser por edema intramielínico, como na doença da urina com odor de xarope de bordo (maple syrup urine disease) e algumas doenças tóxicas, ou por edema de astrócitos, como na citrulinemia. Este trabalho descreve degeneração esponjosa do SNC em d (mais) ois bezerros, um macho e uma fêmea, da raça Sindhi. Ambos são filhos de um mesmo touro, de um rebanho que apresentava alto grau de consangüinidade. Uma fêmea nasceu normal e aos 2 meses apresentou sinais nervosos progressivos. Um macho apresentou sinais nervosos progressivos desde o nascimento. Os dois foram eutanasiados aos 4 meses de idade com acentuadas alterações do sistema nervoso central. Na necropsia o fígado de bezerro macho estava pálido. Histologicamente havia, em ambos os bezerros, discreta a acentuada vacuolização difusa do SNC, sendo mais acentuada nas camadas profundas do córtex cerebral, cápsula interna, substância branca da medula cerebelar, tronco encefálico e substância cinzenta da medula. No fígado dos dois animais havia degeneração gordurosa nos hepatócitos da região centrolobular. Na microscopia eletrônica observou-se que o status spongiosus era devido a edema astrocitário. Sugere-se que a doença é causada por um erro metabólico hereditário, diferente da doença da urina com odor de xarope de bordo. Resumo em inglês Spongy degeneration (status spongiosus) includes many histological alterations characterized by vacuoles in the neuropile in different regions of the central nervous system (CNS). The vacuolization can be caused by intramyelinic edema, as in maple syrup urine disease and some toxic diseases, or by astrocytic edema, as in citrullinemia. This paper reports a spongy degeneration in two Sindhi calves, a female and a male. Both calves were offspring from the same bull, and the (mais) herd had high degree of inbreeding. The female calf was born normal, but progressive nervous signs were observed since 2 months old. The male calf had progressive nervous signs since it was born. Both calves were euthanized with severe nervous signs when 4 months old. At necropsy the liver was pale in the male calf. Histological alterations were mild to accentuated vacuolization, mainly in the deep cerebral cortex, cerebellar white matter, grey matter of the spinal cord, internal capsule, and brain stem. Fatty degeneration was observed in the liver of both animals. On electron microscopy it was found that the status spongiosus was caused by astrocytic edema. It is suggested that the disease is caused by a metabolic hereditary error.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

36

Polioencefalomalacia em bovinos nos estados de Mato Grosso do Sul e São Paulo/ Polioencephalomalacia in cattle in the states of Mato Grosso do Sul and São Paulo

Nakazato, Luciano; Lemos, Ricardo A. A.; Riet-Correa, Franklin
2000-09-01

Resumo em português Trinta focos de polioencefalomalacia (PEM) foram diagnosticados no período de agosto de 1993 a outubro de 1997. Vinte e nove focos ocorreram no estado de Mato Grosso do Sul (MS) e um no estado de São Paulo (SP). Foram afetados bovinos de 4 a 84 meses de idade. A morbidade dos rebanhos afetados variou de 0,02% a 14,28% e a letalidade de 42,5% a 100%. A doença não apresentou uma sazonalidade e ocorreu em vários municípios do MS. Em todos os focos estudados os animais (mais) afetados eram criados em regimes de criação extensiva, com exceção de um foco. Os sinais clínicos observados foram exclusivamente nervosos e a evolução dos casos variou de 12 horas a 4 dias. A maioria dos animais tratados com tiamina e dexametasona recuperou-se. Histologicamente, as lesões consistiam de necrose laminar do córtex cerebral. Adicionalmente em 2 casos observaram-se hemorragias submeningeanas e corticais, e em 9 casos presença de infiltrado de eosinófilos. A dosagem de sódio no líquor apresentou-se elevada em um caso. A etiologia da PEM não está esclarecida, porém em alguns casos a intoxicação por cloreto de sódio/privação de água pode estar envolvida na etiologia da enfermidade. A PEM representa 4,78% dos casos de enfermidades de bovinos diagnosticadas no Laboratório de Anatomia Patológica da UFMS. Com bases nos resultados, verifica-se a importância da enfermidade no diagnóstico diferencial de outras doenças com quadro clínico neurológico no MS, principalmente a raiva, a meningoencefalite por herpesvírus bovino tipo 5 (HVB-5) e o botulismo. Resumo em inglês Thirty outbreaks of polioencephalomalacia (PEM) were diagnosed from August 1993 to October 1997. Twenty nine occurred in the state of Mato Grosso do Sul and one in São Paulo. The disease affected cattle from 4 months to 7 years of age. Morbidity rates ranged from 0.02% to 14.28% and case fatalities from 42.5 % to 100%. The disease was not seasonal. All outbreaks occurred in cattle grazing Brachiaria spp, except one affecting feedlot cattle. Only neurologic signs were obs (mais) erved, and the course of the disease varied from 12 hours to 4 days in untreated cattle. Most animals treated with thiamine and dexamethazone recovered. Moderate cerebral edema was observed at necropsy. Cell changes were characterized by laminar necrosis and gitter cells. In two cases moderate cortical and submeningeal hemorrhages were observed. Nine cases had perivascular and submeningeal infiltrations by eosinophils. Sodium ion concentration of the cerebrospinal fluid was elevated in one case. The cause of PEM in the region was not determined, but the results suggest that in some cases sodium chloride intoxication/water deprivation could play a role in the etiology of the disease. PEM represents 4.78% of cattle disease diagnosed at the Pathology Laboratory of the Federal University of Mato Grosso do Sul.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

37

Surto de polioencefalomalacia por ingestão excessiva de enxofre na dieta em bezerros no Rio Grande do Sul/ Outbreak of polioencephalomalacia in cattle consuming high sulphur diet in Rio Grande do Sul, Brazil

Cunha, Paulo H.J. da; Bandarra, Paulo M.; Dias, Marcelo M.; Borges, Alexandre S.; Driemeier, David
2010-08-01

Resumo em português Neste trabalho descreve-se surto de polioencefalomalacia em bovinos decorrente da ingestão de dieta com excessiva concentração de enxofre em uma propriedade no Rio Grande do Sul. O lote era composto por 30 bezerros, mantidos em um piquete com azevém (Lolium multiflorum) e suplementados com ração e sal mineral. Seis bezerros morreram e dois deles foram necropsiados; amostras de tecido hepático para dosagem de chumbo e fragmentos do sistema nervoso central para histo (mais) patológico foram colhidos. Um dos bezerros foi examinado antes da morte e sinais neurológicos encefálicos foram constatados. Foi estabelecido o teor de enxofre nos componentes da dieta e água, a produção de sulfeto de hidrogênio ruminal em cinco bovinos do mesmo lote e realizada PCR de um bloco de parafina para detecção de DNA do herpevirus bovino tipo 5. O consumo total de enxofre foi de 0,38% da matéria seca fornecida aos animais e as dosagens de sulfeto de hidrogênio ruminal em animais do mesmo lote variaram de 1.000 a 2.500ppm. Os achados histopatológicos indicaram necrose laminar do córtex cerebral. Não foi detectado chumbo na amostra de tecido hepático e não foi identificado DNA do herpesvirus bovino tipo 5 no encéfalo. O quadro clínico de síndrome cerebrocortical associado aos elevados valores do sulfeto de hidrogênio ruminal, alta ingestão de enxofre na dieta e os achados histopatológicos permitem estabelecer o excesso de enxofre como causador da polioencefalomalacia. Resumo em inglês An outbreak of polioencephalomalacia in cattle caused by ingestion of high sulphur diet, in Rio Grande do Sul, Brazil is described. One group of 30 calves was kept in Italian ryegrass (Lolium multiflorum) pasture and supplemented with concentrate and minerals. Six calves died, necropsy was performed in two of them and liver samples (for lead determination) and fragments of central nervous system were collected. Clinical and neurological examination was performed in one ca (mais) lf and confirmed brain involvement. Sulphur content on dietary components and water, ruminal hydrogen sulfide production in five calves of the same group and PCR from formalin-fixed paraffin-embedded cerebral tissues to detect bovine herpesvirus 5 DNA was perfomed. The total sulphur intake was 0.38% dry matter and the values of ruminal sulfide concentration ranged from 1,000 to 2,500ppm. Lead It was not detected in the liver samples and PCR was negative for bovine herpesvirus 5. The brain lesions were characterized by laminar neuronal necrosis. The clinical signs of cerebrocortical syndrome associated with high ruminal sulfide values, elevated intake of dietary sulphur and histological lesions confirmed that the excess of sulphur caused the polioencephalomacia in these calves.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

38

Astrócitos imunorreativos à proteína glial fibrilar ácida (GFAP) em sistema nervoso central de equinos normais e de equinos com leucoencefalomalácia/ Glial fibrillary acidic protein (GFAP) immunoreactive astrocytes in the Central Nervous System of normal horses and horses with leukoencephalomalacia

Lemos, Karen Regina; Alessi, Antonio Carlos
1999-07-01

Resumo em português A proteína glial fibrilar ácida (GFAP), subunidade dos filamentos intermediários do citoesqueleto celular, está presente no citoplasma de astrócitos. Técnicas imunohistoquímicas com anticorpos primários anti-GFAP são geralmente empregadas para identificar astrócitos no sistema nervoso, permitindo verificar também sua hipertrofia. Vários estudos mostram a distribuição, a morfologia e a citoarquitetura de astrócitos em várias regiões do SNC do homem e de an (mais) imais de laboratório. No entanto, em animais domésticos e, especialmente em equinos, poucas informações estão disponíveis. No presente trabalho, verificou-se a densidade e a morfologia de astrócitos imunorreativos à GFAP na substância branca da córtex cerebral de equinos com leucoencefalomalácia (LEM) comparando-se esses aspectos com o de equinos normais. Animais com LEM apresentaram hipertrofia de astrócitos em áreas próximas às lesões, representada pelo aumento do corpo celular, do núcleo e dos prolongamentos citoplasmáticos. O número de astrócitos apresentou-se reduzido e a imunorreatividade foi mais acentuada. Nos animais normais, verificou-se distribuição constante de astrócitos imunorreagentes com características de fibrosos. Alterações vasculares nos animais com LEM, como por exemplo degeneração de endotélio vascular, também foram observadas, podendo estar associadas às alterações astrocíticas. Resumo em inglês The glial fibrillary acidic protein (GFAP), subunit of the intermediary filaments of the cellular cytoskeleton, exists in the cytoplasm of astrocytes. Immunohistochemistry utilizing primary antibodies anti-GFAP is generally chosen to identify astrocytes in the central nervous system (CNS), allowing also to verify their hypertrophy. Several studies show the distribution, morphology and cytoarchitecture of the astrocytes in several areas of the CNS of humans and laboratory (mais) animals. However, in domestic animals, especially in horses, little information is available. In the present study the density and morphology of GFAP-immunoreactive astrocytes in the white matter of the cerebral cortex of horses with leukoencephalomalacia (LEM) has been compared with such aspects in normal horses. In animals with LEM hypertrophic astrocytes in areas close to the lesions were observed. There was enlargement of the perikarion, nucleus and the cytoplasmic extension. The astrocytes were reduced in number and the immunoreactivity was increased. In the normal animals constant distribution of immunoreactive cells characteristic of fibrous astrocytes was seen. Vascular changes in the animals with LEM, as for example degeneration of vascular endothelium, were also observed and could be correlated with the astrocytic alterations.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

39

Cegueira cortical: relato de dois casos clínicos/ Cortical blindness: report of two cases

Silva, Raquel de Lima e; Vieira, Carlos Gustavo Leite; Ramos, Marcelo; Marques, Rogério Soares; Laender, Renato Cruz
2001-06-01

Resumo em português O objetivo deste trabalho é relatar dois casos de cegueira cortical atendidos no serviço de urgência da Clínica de Olhos da Santa Casa de Belo Horizonte. A cegueira cortical é uma condição clínica rara e bilateral, de causa isquêmica, caracterizada por lesão no córtex cerebral. Nos presentes casos, o diagnóstico foi feito pela sintomatologia clínica, pelos achados oftalmológicos e pelas alterações obtidas por imagem. Em ambos houve evolução rápida da do (mais) ença, com perda visual súbita importante. O acompanhamento oftalmológico não revelou melhora significativa da acuidade visual final. A baixa acuidade visual é um sinal importante em oftalmologia e deve ser avaliada com cautela e atenção, visto que pode ser causada pela cegueira cortical, condição rara, grave e ainda pouco estudada no nosso meio. Resumo em inglês The aim of this work is to report two cases of cortical blindness, evaluated at an ophthalmologic service (Clínica de Olhos da Santa Casa de Belo Horizonte). Cortical blindness is a rare, usually ischemic, bilateral retrogeniculate lesion. The two diagnoses were based on patient complaints, ophthalmologic data and image signs. Both patients suddenly lost their visual function. None presented a significant improvement in their final vision acuity during the evolution. Sub (mais) normal visual acuity is an important ophthalmologic sign that must be seen with concern and attention since it may be caused by cortical blindness, a rare and serious condition not yet well studied in our Country.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

40

Apatia multimodal iatrogênica/ Multimodal apathy: a unique effect of antidepressant therapy at the neurological-psychiatric interface

Oliveira-Souza, Ricardo de; Figueiredo, Wagner Martignoni de
1996-06-01

Resumo em português O presente trabalho documenta um efeito peculiar dos antidepressivos em 5 pacientes - a apatia -, definida pela incapacidade de experimentar emoções. O reconhecimento da apatia no curso de tratamento antidepressivo deve levantar a possibilidade de iatrogenia e suspensão do antidepressivo em uso. Frizamos que a apatia deve ser diferenciada da abulia e da avolição, com as quais é comumente contundida. Documentamos que a indiferença emocional pode se confinar a um dom (mais) ínio sensorial ("apatia unimodal") ou, como em nossos casos, a mais de uma modalidade ("apatia multimodal"). Circuitos anterobasais, centrados na amígdala e no pólo temporal, são fortes candidatos para integrar a experiência emocional às imagens mentais e percepções multimodais do ambiente, uma vez que para eles convergem os principais sistemas de projeção do prosencéfalo, ao mesmo tempo em que se situam em pontos estratégicos para modular o córtex pré-frontal e parieto-têmporo-occipital. O fato de que a apatia foi produzida por classes quimicamente distintas, como ISRSs (inibidores seletivos de recaptação da serotonina), IMAOs (inibidores reversíveis da monoamino oxidase) e tricíclicos, indica que a fisiopatologia em jogo se deve a alguma ação compartilhada por essas drogas no plano subneuronal. A intervenção em circuitos serotoninérgicos cerebrais parece o mecanismo mais adequado para explicar tal efeito. Resumo em inglês The present paper reports on five patients who developed apathy as a peculiar side effect of antidepressants. Their behavioral and psychopathological changes were primarily due to the near-absence of emotional experience, a key characteristic that distinguishes apathy from avolition and abulia. The emergence of apathy in the course of an antidepressant treatment should raise the suspicion of an adverse effect of the drug and lead to its prompt withdrawal. A sample of the (mais) relevant clinical evidence favoring the distinction of apathy confined to a single sensory domain ("unimodal apathy") from apathy confined to more than one sensory realm ("multimodal apathy") is reviewed. From a pathophysiological standpoint, it would appear that neural nets centered in the amygdala-temporo polar cortex are critical for the integration of sensory perceptions and mental imagery with appropriate emotional tone and quality as well as with their accompanying somatic markers, as they receive afferents from the major projection systems of the prosencephalon and lie in nodes strategic to modify the ongoing activity of multiple parallel brain systems. The fact that one common symptom can be produced by such a heterogeneous family of substances points to a shared neurochemical mechanism of action. At present, discrete cerebral serotoninergic circuits would appear to be suitable candidates for such a role. Cases as these may be critical for the understanding of the cerebral organization of emotions in man, lending support to the notion that distinct neurochemical systems mediate discrete psychopathological symptoms.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

41

Surto de babesiose cerebral em bovinos no Estado do Rio Grande do Sul/ Cerebral babesiosis outbreak in bovines in the State of Rio Grande do Sul, Brazil

Antoniassi, Nadia Aline Bobbi; Corrêa, André Mendes Ribeiro; Santos, Adriana da Silva; Pavarini, Saulo Petinatti; Sonne, Luciana; Bandarra, Paulo Mota; Driemeier, David
2009-06-01

Resumo em português Descreve-se um surto de mortalidade em bovinos por Babesia bovis em abril de 2007, no Município de Picada Café, Rio Grande do Sul. Em um rebanho com 55 novilhas, 28 (50,9%) morreram em cinco dias. A doença iniciou vinte dias após o ingresso dos bovinos na propriedade. Os sinais clínicos incluíam febre, incoordenação, agressividade, anemia, petéquias nas mucosas e morte 1 á 2 dias após. Em 4 animais necropsiados, observaram-se palidez de mucosas, hemorragias mú (mais) ltiplas, esplenomegalia, fígado aumentado e alaranjado, vesícula biliar com parede edemaciada e contendo bile grumosa. Os rins estavam vermelho-escuros e a bexiga continha urina cor de vinho tinto. O encéfalo apresentou cor róseo-cereja externamente e ao corte, mais marcado no córtex telencefálico, cerebelo e corpo estriado, contrastando com a cor branca da substância branca. Na histologia havia nefrose hemoglobinúrica, necrose hepática paracentral, bilestase canalicular, congestão esplênica, além de congestão com grande quantidade de eritrócitos parasitados por estruturas compatíveis com Babesia bovis na região cortical do encéfalo, também observadas em esfregaços teciduais dessas regiões. A morte de 28 bovinos em 5 dias deveu-se, provavelmente, à falta de imunidade contra o parasito. O tratamento foi realizado com dipropionato de imidocarb nos demais animais, havendo recuperação dos bovinos que apresentavam sinais iniciais leves e não ocorrência de novos casos durante um período de dois meses, quando foram enviados para abate. Resumo em inglês An outbreak of cattle mortality due to Babesia bovis infection in the county of Picada Café, Rio Grande do Sul, southern Brazil, in April 2007 is described. Twenty eight heifers (50.9%) died, out of a herd of 55 animals, in five days. The disease occurred approximately 20 days after heifers were transferred to this farm. The clinical signs included fever, anemia, aggressiveness, incoordination, petechiae in the mucous membranes and death after 1 to 2 days. The necropsy r (mais) evealed pale mucous membranes, splenomegaly, enlarged and yellowish liver, congested and edematous gall bladder containing viscous granular bile. The kidneys and urine were dark red. The gray matter of cerebrum and cerebellum had a characteristic cherry-pink color. Hemorrhage was seen in the epicardium and endocardium. The histological findings consisted of hemoglobinuric nephrosis, paracentral hepatic necrosis, bile stasis, spleen congestion. The gray matter of the brain exhibited congestion with erythrocytes parasitized by Babesia bovis, which were also seen in the brain impression smear. The death of 28 heifers in 5 days was attributed to inadequate immunity against the parasite. The application of imidocarb dipropionate in animals presenting the initial stage of the disease and in all other animals of the herd was adopted as preventive treatment and no new cases of the disease happened in the next two months, when they were sent to slaughter.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

42

A pesquisa com EEG aplicada à área de aprendizagem motora/ EEG and Motor Learning Research

Luft, Caroline; Andrade, Alexandro
2006-01-01

Resumo em português O eletroencefalograma (EEG) é o registro da atividade elétrica no córtex cerebral que corresponde ao fluxo de informações processado pelo córtex em suas atividades. O movimento envolve uma série de processos cognitivos específicos e a aprendizagem de um gesto passa por fases cognitivas que apresentam suas próprias características no encéfalo. O objetivo deste estudo foi realizar uma análise dos estudos com EEG dentro da pesquisa em aprendizagem motora, suas ap (mais) licações e possibilidades de estudos empíricos, visando colaborar com o crescimento desta área na Educação Física. Os principais estudos revisados indicam que a aprendizagem motora provoca uma mudança na ativação cortical na área pré-motora e motora do cérebro, ou seja, existe um aumento da atividade alfa (lenta e rítmica entre 8-12 Hz) nessas áreas, indicando que o gesto foi automatizado. Desta forma, a aprendizagem está relacionada a um menor esforço e maior eficiência neural, principalmente, na área pré-motora, pois esta é responsável pelo planejamento motor. Concluiu-se que o EEG pode ser uma excelente alternativa de pesquisa em aprendizagem motora, enriquecendo ainda mais os estudos nesta área, pela investigação mais direta dos processos cognitivos fundamentais envolvidos na habilidade motora e no seu aprendizado. Resumo em inglês The Electroencephalogram (EEG) is the record of the cortex electrical activity that corresponds to the flow of information processed by the cortex during its activities. Physical movement involves specific cognitive processes and motor learning goes through by different phases and shows different characteristics in encephalon. The purpose of this paper was to review studies using EEG within the field of Motor Learning research, its applications and empirical possibilities (mais) . The main articles reviewed in this study, point out that motor learning causes a change in the cortical activation in the pre-motor and motor areas, i. e., the alpha activity increases in these areas, indicating that the movement was learned. This way, motor learning is related to less effort and more neural efficiency mainly in the pre-motor cortex because this area is responsible for motor planning. Reviewing main results in empirical studies, we conclude that EEG may be an excellent tool in motor learning research, adding something more to this field studies by the direct investigation of the cognitive processes involved in motor ability and in its learning.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

43

MENINGOENCEFALITE NECROSANTE EM BOVINOS CAUSADA POR HERPESVÍRUS BOVINO NO ESTADO DE MATO GROSSO, BRASIL/ NECROTIZING MENINGO-ENCEPHALITIS IN CATTLE DUE TO BOVINE HERPESVIRUS IN THE STATE OF MATO GROSSO, BRAZIL

Colodel, Edson Moleta; Nakazato, Luciano; Weiblen, Rudi; Mello, Rosane Marine; Silva, Roberto Renato Pinheiro da; Souza, Marcos de Almeida; Oliveira Filho, José Aguiar de; Caron, Luizinho
2002-04-01

Resumo em português Achados epidemiológicos, clínicos, patológicos e microbiológicos de 13 casos de meningoencefalite necrosante pelo Herpesvírus Bovino (BHV), afetando 12 rebanhos bovinos ocorridos no período de março de 1999 a agosto de 2000 em 11 municípios do Estado de Mato Grosso são descritos. Onze surtos ocorreram em sistemas de criação extensiva, afetando com maior freqüência animais da raça nelore, e idade média de 24 meses com uma variação de dois a 72 meses. Os pr (mais) incipais sinais clínicos descritos foram as alterações neurológicas, sendo relatados salivação profusa, descarga nasal e ocular serosa, depressão profunda, incoordenação, andar a esmo ou em círculo, cegueira, diminuição do tonus lingual, decúbito lateral com movimentos de pedalagem, opistótono e morte. Ausência de alterações foi o relato mais comum durante a necropsia. Em alguns casos, observou-se congestão encefálica difusa, hemorragias submeningeanas multifocais, achatamento de circunvoluções cerebrais e áreas focais de malacias. Os principais achados microscópicos foram meningoencefalite com corpúsculos de inclusão eosinofílicos, intranucleares em astrócitos. As áreas de malacia afetavam principalmente o córtex cerebral. Foi realizado isolamento e caracterização viral em três de um total de sete amostras encaminhadas Em um dos casos, dos que houve isolamento viral, o diagnóstico histopatológico foi de polioencefalomalacia não se observando meningoencefalite e corpúsculos de inclusão. Resumo em inglês The epidemiological, clinical, pathological and microbiological aspects of 13 cases of necrotizing meningo-encephalitis associated to bovine herpesvirus are described. The disease is described in 12 cattle herds from March 1999 to August 2000 at 11 counties of the State of Mato Grosso, Brazil. The outbreaks were described in cattle raised on farms in which, mostly Zebu breeds were involved. The average age of the cattle affected was 24 months, ranging from two to 72 month (mais) s old. Neurological manifestations were the main clinical signs noticed. The animals were separated from the herd. The animals showed profuse salivation, serous nasal and ocular discharge, profound depression, incoordination, walking or running in circles, blindness, diminution of tongue tonus, trembling and opistotonus. Most of the cases had no macroscopic alterations. Some cases had diffuse encephalic congestion, multifocal submeningeal hemorragics, flattened cerebral circumvolutions and focal discoloration of the cortex. The main microscopic lesions in the 12 cases were necrotizing meningo-encephalitis with eosinophilic intranuclear inclusion bodies in astrocytes, and cortical malacia. Virus was isolated from three cases submitted from a total of seven examined. One of the cases with virus isolation at the histophatology examination yielded a diagnosis of polioencephalomalacia.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

44

Distribuição do vírus rábico no sistema nervoso central em ruminantes naturalmente infectados/ Distribution of rabies vírus in the central nervous system in naturally infected ruminants

Silva, Maria Luana C.R; Riet-Correa, Franklin; Galiza, Glauco J.N; Azevedo, Sérgio S; Afonso, José A.B; Gomes, Albério A.B
2010-11-01

Resumo em português Com o objetivo de identificar a distribuição das lesões do vírus rábico no sistema nervoso central de casos espontâneos de raiva em ruminantes e comparar as técnicas de imunofluorescência direta (IFD), inoculação em camundongos (ICC) e presença de corpúsculos de Negri para o diagnóstico da doença foram analisados materiais proveniente de 48 casos de raiva, incluindo amostras de córtex frontal, temporal, parietal e occipital, hipocampo, tálamo, colículo ro (mais) stral e caudal, cerebelo, ponte, medula oblonga, núcleo da base e porções da medula cervical, torácica e lombar. De 48 amostras analisadas, todas foram positivas na IFD e na ICC e em 30 (62,5%) foram encontrados corpúsculo de Negri (CN). No entanto, houve diferenças importantes no resultados dos três testes nas diferentes regiões do SNC avaliadas. Nos cortes de córtex cerebral, em 38 bovinos, a presença de corpúsculos de inclusão foi baixa (11%-37%) assim como a positividade para IFD e ICC (60-80%). Pelo contrário, todas as amostras de ponte, tálamo e medula testados foram positivas para IFD e ICC. Em outras regiões do tronco encefálico e também no cerebelo a positividade para ICC e IFD foi de 60% a 96,7%. No cerebelo foi encontrada a maior frequência (88,2%) de corpúsculos de inclusão. Em oito ovinos as provas de ICC e IFD foram positivas em todos os cortes e foram observados corpúsculos de inclusão em três animais. Foram analisados somente dois casos de caprinos encontrando-se corpúsculos de inclusão em um e ambos foram positivos para IFD e ICC. Os resultados obtidos nesse trabalho sugerem que a conduta recomendada pelo Manual Técnico de Controle da Raiva dos Herbívoros (MTCRH) permite o diagnóstico de raiva associando o estudo histológico aos testes de IFD e ICC que incluem cerebelo, tálamo e tronco encefálico que apresentam alta positividade para as provas de IFD e ICC. No entanto, a melhor conduta é a de incluir metade do encéfalo cortado longitudinalmente e amostras de medula. Isto permite examinar por IFD e ICC uma ou mais regiões onde essas provas apresentam maior positividade e, posteriormente, se essas provas fossem negativas, retornar ao material original e examinar outras regiões. Por outro lado, a coleta de amostras dos locais recomendados pela MTCRH, assim com a coleta de metade do encéfalo, podem prejudicar o diagnóstico de outras doenças para o qual é necessário o estudo de todo o encéfalo após a fixação em formaldeído, para constatar a simetria e a distribuição das lesões. Nestes casos, com base nos resultados obtidos neste trabalho, pode ser recomendado para diagnóstico laboratorial de raiva o envio exclusivo de porções da medula cervical, dorsal e lombar, já que as três porções apresentaram 100% de positividade nas provas de IFD e ICC. Além disso, o estudo histológico de todas as porções do cérebro incluídas neste trabalho permitirá complementar o diagnóstico. Resumo em inglês With the aim to study the distribution of lesions the rabies virus in spontaneous cases of rabies in ruminants and to determine the efficiency of the direct fluorescent antibody test (DFA), mouse inoculation (MI) and presence of Negri bodies in the diagnosis of the disease, 48 cases of the rabies were examined. Samples of frontal, temporal, parietal and occipital cerebral cortex, hippocampus, thalamus, rostral and caudal colliculi, cerebellum, pons, medulla oblongata, bas (mais) al nuclei and sections of the cervical, thoracic and lumbar spinal cord were examined. Of the 48 samples examined all were positive on DFA and MI, and in 30 (62.5%) Negri bodies were observed. However there were differences in the results of the three tests among different regions of the central nervous system. In the samples of the cerebral cortex in 38 cattle, the frequency of inclusion bodies was low (11-37%), and so was the positivity to DFA and MI (60-80%). In contrast, all samples of thalamus, pons and spinal cord were positive to DFA and MI. In other regions of the brain stem, positivity to these tests varied between 60% and 96.7%. On histologic examination, the major frequency of Negri bodies (88.2%) was observed in the cerebellum. In eight sheep the DFA and MI tests were positive in all sections of the CNS examined and Negri bodies were found in three sheep. Only two goats were examined; both were positive in DFA and MI tests and in one Negri bodies were found. These results suggest that the recommendations of the Brazilian Technical Manual for Rabies of Herbivores is adequate for rabies diagnosis, because their recommendations include the histologic study and the examination of cerebellum, and sections of the brainstem with high positivity to DFA and MI tests. However, a better recommendation is to send for DFA and MI half of the brain cut longitudinally and samples of the spinal cord, which will permit to examine one or two sections, and if those are negative to get back to the material and examine the rest of the sections. In contrast, to collect samples of the brain or half brain can be inappropriate for the diagnosis of other diseases of the CNS, for which the study of the whole fixed brain is necessary to recognize the symmetry or distribution of lesions. In these situations by the results obtained here, it can be recommended to send different sections of the spinal cord for DIF and MI tests and to fix the whole brain for gross and histologic examinations.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

45

Neurobiologia da regulação emocional: implicações para a terapia cognitivo-comportamental/ Neurobiology of emotion regulation: implications for cognitive-behavioral therapy/ Neurobiología de la regulación emocional: implicaciones para la terapia cognitivo-conductual

Mocaiber, Izabela; Oliveira, Letícia de; Pereira, Mirtes Garcia; Machado-Pinheiro, Walter; Ventura, Paula Rui; Figueira, Ivan Vasconcellos; Volchan, Eliane
2008-09-01

Resumo em português A regulação das emoções representa uma habilidade fundamental para a interação social, influenciando o comportamento e a expressão emocional. É objetivo deste artigo revisar os trabalhos científicos sobre as diferentes estratégias de regulação da emoção e os circuitos cerebrais subjacentes. Os trabalhos que utilizaram a estratégia de reavaliação cognitiva observaram um padrão de ativação cerebral caracterizado por uma ativação significativa do córte (mais) x pré-frontal e uma diminuição da ativação da amígdala, sugerindo que o primeiro poderia estar modulando a atividade da última. Trabalhos recentes observaram que mudanças cognitivas e comportamentais mediadas pela psicoterapia parecem levar a alterações na ativação de circuitos cerebrais envolvendo o córtex pré-frontal, e apontam para a possibilidade de modificação de associações neurais observadas em pacientes com transtornos psiquiátricos. Conclui-se que os estudos sobre a neurobiologia da regulação da emoção têm implicações potenciais para a compreensão das bases psicopatológicas subjacentes aos transtornos psiquiátricos, orientando desenvolvimentos heurísticos e clínicos. Resumo em espanhol La regulación emocional se constituye en un elemento clave en el comportamiento social, regulando las acciones y la expresión emocional. Este estudio tiene el propósito de revisar las estrategias de regulación emocional y describir los mecanismos cerebrales que las apoyan. Los estudios que han investigado la actividad cerebral durante la reevaluación cognitiva han mostrado la activación de zonas de la corteza prefrontal y la reducción de la activación de la amígd (mais) ala, indicando que la primera podría estar modulando la última. Además, estudios recientes han observado que las alteraciones cognitivas y en el comportamiento tras psicoterapia conductual llevan a cambios en la activación de circuitos cerebrales, lo que sostendría la regulación emocional deficiente observada en trastornos mentales. Creemos que el estudio de la regulación emocional como un aspecto del procesamiento afectivo tiene importantes implicaciones para la psicopatología, y puede representar un modelo para el desarrollo de procedimientos de intervención. Resumo em inglês Emotion regulation represents a crucial ability for social interaction, guiding behavior and modulating emotional expression. Current essay reviews the available literature on emotion regulation, points out the different coping strategies and investigates the underlying neural network. Studies on cognitive reappraisal of emotion have noted a pattern of brain response characterized by the activation of the prefrontal cortex associated with the reduction of amygdala activit (mais) y. A modulatory mechanism between these structures has been suggested. Recent work showed that psychotherapeutic approaches may modify the dysfunctional neural circuitry associated with psychiatric disorders. Results show that investigating the neurobiology of emotion regulation offers a potential repercussion on the understanding of the basis of psychiatric disorders, orienting the development of applied studies and improving their clinical relevance.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

46

Leucomalácia periventricular e diplegia espástica: implicações nas habilidades psicolingüísticas/ Periventricular leukomalacia and spastic diplegia: implications in the psycholinguistic abilities

Lamônica, Dionísia Aparecida Cusin; Ferraz, Plínio Marcos Duarte Pinto
2007-12-01

Resumo em português TEMA: a paralisia cerebral espástica do tipo diplégica (PC-D) é freqüentemente relacionada à Leucomalácia Periventricular (LPV), a qual geralmente afeta fibras motoras descendentes do córtex de associação e fibras de associação das funções visuais, auditivas e somestésicas. OBJETIVO: verificar o desempenho de crianças com PC-D quanto às habilidades psicolingüísticas. MÉTODO: participaram deste estudo oito indivíduos de ambos os sexos e idade cronológi (mais) ca variando de quatro a seis anos, diagnosticados como PC-D, confirmadas na ressonância magnética a lesão tipo LPV. Foram avaliados por meio do Teste de Illinois de Habilidades Psicolinguísticas (TIHP), Teste de Vocabulário por Imagens Peabody (TVIP), considerando o desempenho cognitivo, o grau de distúrbio motor e o desempenho nos subtestes auditivos e visuais do TIHP. RESULTADOS: os resultados apontaram correlação significante entre desempenho cognitivo e TVIP e a mesma correlação foi confirmada entre o desempenho do TVIP e o subteste de recepção auditiva do TIHP, considerando a idade psicolingüística. Na comparação entre as habilidades auditivas e visuais, os participantes tiveram melhor desempenho nas atividades que envolviam habilidades visuais, confirmando a correlação significante no subteste de associação. Houve correlação estatisticamente significante entre o grau de distúrbio motor e o desempenho psicolingüístico, confirmando a influência do distúrbio motor nestas atividades. CONCLUSÃO: as crianças com PC-D e sinais sugestivos de LPV apresentaram prejuízo nas habilidades psicolingüísticas, justificando a necessidade de estudos adicionais nesta área com o intuito de conhecer melhor o desenvolvimento destas habilidades. Resumo em inglês BACKGROUND: spastic diplegic cerebral palsy (D-CP) is frequently related to periventricular leukomalacia (PVL), which usually affects the descending motor fibers of the association cortex and association fibers of the visual, auditory and somesthesic functions. AIM: to verify the performance of children with D-CP regarding their psycholinguistic skills. METHOD: participants were eight individuals of both genders and with chronological ages varying from four to six years, (mais) diagnosed with D-CP, having PVL confirmed through magnetic resonance. These children were evaluated through the Illinois Test of Psycholinguistic Abilities (ITPA) and the Peabody Picture Vocabulary Test (PPVT), considering the cognitive performance, the level of motor impairment and the performance in the auditory and visual subtests of the ITPA. RESULTS: the results pointed to a significant correlation between the cognitive performance and the PPVT. The same correlation was confirmed between the PPVT and the subtest of auditory reception of the ITPA, when considering the psycholinguistic age. In the comparison between the auditory and visual abilities, the participants demonstrated a better performance in the activities that involved visual abilities, indicating a significant correlation in the association subtest. There was a statistically significant correlation between the level of motor impairment and the psycholinguistic performance, confirming the influence of the motor impairment in these activities. CONCLUSION: the children with D-CP and with suggestive signs of PVL presented deficits in the psycholinguistics abilities, justifying the need of additional studies in this area in order to investigate the development of these abilities.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

47

Neurobiologia do transtorno de personalidade anti-social/ Neurobiology of anti-social personality disorder

Del-Ben, Cristina Marta
2005-01-01

Resumo em português Nos últimos anos, tem havido um interesse crescente a respeito de uma melhor compreensão sobre o comportamento anti-social. O aumento da criminalidade e violência urbanas pode ter contribuído para esse maior interesse. Além de fatores psicossociais, outros biológicos têm sido implicados na fisiopatogenia do transtorno de personalidade anti-social (TPAS). Estudos de neuroimagem apontam o envolvimento de estruturas cerebrais frontais, especialmente o córtex orbitofr (mais) ontal, e a amígdala. Também tem sido sugerido que prejuízos na função serotonérgica estariam associados à ocorrência de comportamento anti-social, já que pacientes com diagnóstico de TPAS apresentam respostas hormonais atenuadas a desafios farmacológicos com drogas que aumentam a função serotonérgica cerebral e redução da concentração de receptores serotonérgicos. Uma abordagem ampla dos diferentes fatores possivelmente envolvidos na fisiopatogenia do TPAS poderia contribuir para o desenvolvimento de novas técnicas de prevenção e intervenção. Resumo em inglês Violence and crime have been increasing considerably in urban societies. As a consequence, some efforts have been made aiming at a better understanding of antisocial bevaviour. Apart from psychosocial factors, some evidences suggest the occurrence of biological factors in the pathogenesis of antisocial personality disorders (ASPD). Neuroimaging studies have shown the involvement of prefrontal areas, especially orbitofrontal cortex, and amygdala. Also, impaired serotonin ( (mais) 5-HT) neurotransmission has been implicated, since patients with ASPD present alterations in measures of 5-Ht system, such as blunted hormonal response to 5-HT pharmacological challenges and reduced 5-HT receptors numbers. A comprehensive approach of antisocial behavior, including biological and psychosocial aspects could lead to the development of new techniques for prevention and intervention in ASPD.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

48

Intoxicação experimental por Tetrapterys multiglandulosa (Malpighiaceae) em ovinos/ Experimental poisoning by Tetrapterys multiglandulosa (Malpighiaceae) in sheep

Riet-Correa, Gabriela; Terra, Fabiano F.; Schild, Ana Lucia; Riet-Correa, Franklin; Barros, Severo Sales de
2005-06-01

Resumo em português Em uma propriedade no município de Roseira Velha, São Paulo, com histórico de doença cardíaca, abortos e sinais nervosos em bovinos, associados à ingestão de Tetrapterys multiglandulosa, foi observada fibrose cardíaca em um bezerro de uma semana de idade que apresentava apatia, fraqueza e insuficiência respiratória. Os objetivos desse trabalho foram determinar se a espécie ovina é sensível à intoxicação por T. multiglandulosa, descrever as alterações cl� (mais) �nicas e patológicas da intoxicação e avaliar a utilização dessa espécie como modelo experimental para a intoxicação. Para determinar a toxicidade de T. multiglandulosa a ser utilizada em ovinos, foi realizado um experimento prévio em um bovino, sendo administrado 22g por kg de peso vivo (g/kg/pv) da planta verde durante 9 dias. Após 9 dias de ingestão o animal apresentou sinais nervosos e no 12º dia foi eutanasiado. Na necropsia não foram observadas lesões. No estudo histológico observou-se vacuolização (status spongiosus, espongiose) da camada profunda da substância cinzenta do córtex cerebral e da substância branca subcortical. Para a reprodução da enfermidade em ovinos foram utilizados 6 ovinos, machos, divididos em 3 grupos de 2 animais cada. Os Ovinos 1 e 2 do Grupo 1 receberam doses diárias de 6 g/kg/pv da planta seca por um período de 30 dias; os Ovinos 3 e 4 do Grupo 2 receberam doses diárias de 3 g/kg/pv por um período de 60 dias; e os Ovinos 5 e 6 do Grupo 3 serviram como controle. O Ovino 1 foi sacrificado aos 30 dias de administração da planta. Apresentou somente arritmia cardíaca e não foram observadas lesões significativas na necropsia. Os Ovinos 2, 3 e 4 apresentaram arritmia a partir dos dias 9, 12 e 18 do início do experimento, respectivamente. A partir do 52º dia iniciaram a apresentar depressão, relutância em locomover-se e incoordenação. Esses sinais foram se agravando e os ovinos foram sacrificados, com sinais clínicos acentuados, aos 60, 70 e 80 dias após o início do experimento, respectivamente. Na necropsia apresentaram hidropericárdio, ascite, hidrotórax, fígado em noz moscada e miocárdio endurecido e esbranquiçado, especialmente no septo interventricular e ventrículo esquerdo. Microscopicamente, o coração dos Ovinos 2, 3 e 4 apresentava áreas de fibrose associadas a infiltrado inflamatório mononuclear. Não foram observadas lesões cardíacas no coração do Ovino 1. No cérebro e tronco encefálico de todos os animais que receberam a planta observou-se espongiose, principalmente na camada profunda da córtex e da substância branca subcortical. No cerebelo observou-se espongiose da substância branca e na medula cervical havia espongiose da substância branca e espongiose discreta da substância cinzenta. Essa lesões eram discretas no Ovino 1 e moderadas a acentuadas nos Ovinos 2, 3 e 4. Na microscopia eletrônica da substância branca cerebelar foi observado que o status spongiosus observado na microscopia de luz é causado por edema intramielínico. Os dois ovinos do grupo controle, sacrificados aos 80 dias após o início do experimento, não apresentaram sinais clínicos nem lesões macroscópicas ou histológicas significativas. Resumo em inglês Cardiac fibrosis was observed in a calf showing dullness, weakening and respiratory insufficiency in a farm in the state of São Paulo, where cardiac insufficiency, abortion and nervous signs in cattle were associated with the ingestion of Tetrapterys multiglandulosa. The objectives of this paper were to determine the susceptibility of sheep to the intoxication by T. multiglandulosa, to describe the clinical and pathological characteristics of the intoxication, and to eva (mais) luate the possibility of using sheep as an experimental species for toxicological studies with this plant. In a previous experiment to determine the toxicity of T. multiglandulosa to be used in sheep, the green plant was given to a steer at the dose of 22g per kg body weight (g/kg/bw), daily, during 9 days. After 9 days the steer showed nervous signs, and on the 12thday was euthanatized. No gross lesions were observed at necropsy. Status spongiosus was observed on the deeper layers of the cerebral cortex and subcortical white matter. Six male sheep were divided in three groups of two sheep each. Group 1 (Sheep 1 and 2) received daily doses of 6 g/kg/bw of the dry plant, during 30 days; Group 2 (Sheep 3 and 4) received daily doses of 3 g/kg/bw, during 60 days; and Group 3 was the control group. Sheep 1 was euthanatized 30 days after the start of the ingestion. Only cardiac arrhythmia was observed clinically, and no lesions were observed at necropsy. Sheep 2, 3 and 4 had also cardiac arrhythmia from day 9, 12 and 18, respectively. From day 52 they started to show depression, reluctance to move and incoordination. Clinical signs got gradually worst and the sheep were euthanatized on days 60, 70 and 80, when clinical signs were marked, and the animals will die at any moment. Hydrothorax, hydropericardium, ascites, nutmeg appearance of the liver and hard whitish myocardium, mainly in the interventricular septum and left ventricle, were observed at necropsy. Histologically, the heart of Sheep 2, 3 and 4 had areas of fibrosis associated with mononuclear cell infiltration. No lesions were found in the heart of Sheep 1. The 4 treated sheep had status spongiosus in different areas of the cerebrum and brain stem, mainly of the deep layers of the cerebral cortex and subcortical white matter. Status spongiosus were also observed in the cerebellar white matter and cervical medulla. In the later the vacuolization was moderate in the white matter and mild in the grey matter. Status spongiosus were mild in Sheep 1 and moderate to severe in Sheep 2, 3 and 4. On electron microscopy it was observed that the status spongiosus is due to an intramyelinic edema. No gross or histologic lesions were observed on the two control sheep, which were euthanized on day 80 after the start of the experiment.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

49

O modelo estrutural de Freud e o cérebro: uma proposta de integração entre a psicanálise e a neurofisiologia/ From Freud's theories to brain function: integrating psychoanalysis and neurophysiology

Lima, Andréa Pereira de
2010-01-01

Resumo em português CONTEXTO: Trabalhos recentes mostram que as visões psicanalítica e neurocientífica podem ser complementares e mutuamente enriquecedoras. Esses trabalhos indicam não só a viabilidade, mas a necessidade de reavaliar o legado psicanalítico de Freud, com uma abordagem conciliadora entre a psicanálise e a neurociência. OBJETIVO: Apresentar uma proposta de integração entre a segunda tópica de Freud e o encéfalo, na tentativa de estabelecer um diálogo entre a psican (mais) álise e a neurofisiologia, para melhor compreensão da mente humana. MÉTODO: Pesquisa bibliográfica e reflexão crítica sobre os dados obtidos. RESULTADOS: Considerando as clássicas descrições de Freud, o id estaria relacionado aos circuitos neurais filogeneticamente mais antigos, como os circuitos do tronco cerebral, o feixe prosencefálico medial, a amígdala medial, o septo pelúcido, o hipotálamo, o núcleo acumbens, o estriado e os núcleos talâmicos. O superego, como um freio modulador dos interesses motivacionais/pulsionais do id, estaria representado principalmente pelo núcleo central da amígdala e pelo córtex da ínsula. O ego, como o mediador entre as forças que operam no id, no superego e as exigências da realidade externa, estaria relacionado principalmente ao córtex pré-frontal, considerado atualmente a sede da personalidade, importante para a tomada de decisões e ajuste social do comportamento. CONCLUSÃO: O modelo de integração aqui proposto não representa, em absoluto, um modelo completo, acabado, mas constitui um diálogo fértil entre a psicanálise e a neurociência, indicando que as clássicas descrições de Freud sobre a mente têm lugar perfeitamente na neurofisiologia de hoje. Resumo em inglês BACKGROUND: Recent studies show that psychoanalytical and neuroscientific contributions to the understanding of human emotions and behavior can be complementary, and the interaction between these two approaches can be fruitful for both perspectives. OBJECTIVE: We revisited Freud's "structural model and encephalus", and propose and integrated reading of related psychoanalytical and neurobiological theories. METHOD: Bibliographic search and critical reflection about the sel (mais) ected papers. RESULTS: Considering Freud's classical descriptions, the id would be related to phylogenetically primitive neural circuits, such as the brain stem, the medial fasciculus of the forebrain (prosencephalon), medial amygdala, septum pellucidum, hypothalamus, nucleus accumbens, basal ganglia and thalamic nuclei. The superego, as a modulator of id's drive/motivations, would be represented mainly by the central nuclei of the amygdala and the insular cortex. The ego, as a mediator between the forces that operate between the id, the superego and the demands of external reality, would be related mainly to the prefrontal cortex, which is nowadays considered as one the underpinning of personality, given its importance to behaviors involving decision making and social adjustment. DISCUSSION: These preliminary notions illustrate the authors' point of view from an integrative reading of psychoanalysis and neuroscience.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

50

Intoxicação experimental por Sida carpinifolia (Malvaceae) em ovinos/ Experimental poisoning by Sida carpinifolia (Malvaceae) in sheep

Seitz, Anderson L.; Colodel, Edson M.; Barros, Severo S.; Driemeier, David
2005-03-01

Resumo em português Administrou-se Sida carpinifolia L.f. secada à sombra e moída, em doses diárias de 11 a 30g/kg/dia, para sete ovinos. Um animal foi encontrado morto aos 18 e outro morreu apresentando sinais clínicos aos 53 dias do início do experimento. Outros quatro animais adoeceram e foram eutanasiados aos 30, 45, 75 e 100 dias do experimento. O fornecimento de S. carpinifolia foi interrompido em um ovino ao 80º dia do experimento, e o animal foi eutanasiado 70 dias após. Todos (mais) os animais foram necropsiados. O consumo variou entre 11 e 30 g/kg/dia da planta seca. As principais alterações clínicas iniciaram a partir do 20º dia com emaciação progressiva e leve diarréia. Os sinais neurológicos iniciaram no 25º dia e eram caracterizados por ataxia com dismetria, tremores da cabeça, posturas atípicas, quedas freqüentes, lentidão dos movimentos, dificuldade em apreender e deglutir os alimentos. Esses sinais clínicos se acentuavam quando os animais eram forçados a se movimentar. O ovino que parou de consumir Sida carpinifolia, recuperou-se clinicamente e 11 dias após a interrupção não apresentava mais alterações clínicas. Na necropsia havia aumento de volume dos linfonodos mesentéricos em cinco dos sete ovinos. Ao exame histológico as alterações mais significativas estavam presentes no sistema nervoso central e constavam de distensão e vacuolização citoplasmáticas afetando principalmente as células de Purkinje do cerebelo, os neurônios do córtex cerebral, do tálamo, do mesencéfalo e dos cornos ventrais da medula espinhal. Também foram observados esferóides axonais mais freqüentes na camada granular do cerebelo. A vacuolização citoplasmática foi observada também no epitélio dos ácinos pancreáticos e dos túbulos renais, nas células foliculares da tireóide, nos hepatócitos e macrófagos de órgãos linfóides. As lesões ultra-estruturais observadas foram vacuolizações citoplasmáticas, algumas envoltas por membranas, em neurônios de Purkinje do cerebelo e nas células foliculares da tireóide. O ovino que permaneceu 70 dias sem consumir S. carpinifolia não apresentou alterações histológicas. Resumo em inglês Seven sheep received dry crushed Sida carpinifolia L.f. One of them died at 18 and other at 53 days of the experiment. Four others were euthanatized and necropsied at 30, 45, 75 and 100 days. For one sheep the supply of S. carpinifolia was interrupted on the 80th day of the experiment, and 70 days later the animal was euthanized and necropsied. The minimal amount of the dry plant consumed was 11 g/kg and the maximum was 30 g/kg. The progression of clinical findings was si (mais) milar in six animals with slight diarrhea at 20 days of experiment. Neurological signs were observed at 25 days and included ataxia with dysmetria, muscle tremors of the head, atypical postural reactions, frequent falls, sluggish of movements, difficulty in grazing and swallowing. These signs were enhanced when the animals were forced to walk. Four of the animals presented progressive emaciation. The sheep whose supply of the plant was interrupted recovered gradually, and 11 days after the animal returned to normal. During necropsy, only enlarged mesenteric lymph nodes were observed. The histological alterations were more significant in the central nervous system, with multiple and severe cytoplasmic distention and vacuolation which affects specially Purkinje cells of the cerebellum, neurons of cerebral cortex, thalamus, midbrain and the ventral horn of spinal cord. Axonal spheroids in the brain, more frequently in the granular layer of cerebellum were also observed. The cytoplasmic vacuolation was also found in pancreatic acinar cells, renal tubules, thyroid follicular epithelium, hepatocytes and macrophages of lymphoid organs. The ultrastructural lesions observed were cytoplasmic vacuolation, some surrounded by membranes in Purkinje cells of cerebellum and thyroid follicular cells. The sheep, which had S. carpinifolia withdrawn from its diet for 70 days, had no significant histological alterations.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

51

Tristeza parasitária bovina na região sul do Rio Grande do Sul: estudo retrospectivo de 1978-2005/ Tick fever in southern Brazil: a retrospective study of 1978-2005

Almeida, Milton Begeres de; Tortelli, Fábio Py; Riet-Correa, Beatriz; Ferreira, João Luiz Montiel; Soares, Mauro P.; Farias, Nara Amélia R.; Riet-Correa, Franklin; Schild, Ana Lucia
2006-12-01

Resumo em português Foi realizado um estudo retrospectivo dos casos de tristeza parasitária bovina (TPB) ocorridos no sul do Rio Grande do Sul, área de influência do Laboratório Regional de Diagnóstico (LRD) da Faculdade de Veterinária da Universidade Federal de Pelotas entre 1978 e 2005. De um total de 4.884 materiais de bovinos provenientes de necropsias realizadas e órgãos ou sangue enviados ao laboratório 231 (4,7%) tiveram o diagnóstico de TPB. Desses 231 surtos foram resgatad (mais) os os dados de 221 diagnósticos dos quais 91 (41,1%) foram causados por Babesia bovis, 11 (4,9%) por Babesia bigemina, e 65 (29,41%) por Anaplasma marginale. Em outros 33 (14,93%) surtos de babesiose não foi informada a espécie de Babesia e em 21 (9,5%) surtos foi detectada infecção mista por Babesia sp e A. marginale. Os índices gerais médios de morbidade, mortalidade e letalidade, resgatados em 149 dos 221 surtos da doença, foram de 11,17%, 6,81% e 70,04%, respectivamente. Verificou-se que, na região estudada, a maioria dos surtos ocorre durante os meses de verão e outono, e que os animais com um a três anos de idade são os mais afetados. Os sinais clínicos nos surtos caracterizaram-se por apatia, orelhas caídas, debilidade, febre, anorexia e emagrecimento. Os valores de hematócrito eram baixos. Hemoglobinúria foi frequentemente observada nos casos de babesiose. Sinais neurológicos estavam presentes nos casos de babesiose por B. bovis e se caracterizaram por transtornos da locomoção, tremores musculares, agressividade e quedas com movimentos de pedalagem. As lesões macroscópicas principais relatadas nos casos de babesiose foram esplenomegalia, hepatomegalia, fígado amarelo, hemoglobinúria, icterícia, hemorragias cardíacas e bile espessa. Congestão do córtex cerebral foi relatada nos casos de babesiose por B. bovis. Nesta região, com população de bovinos de aproximadamente 2.630.000 cabeças as perdas anuais por morte de bovinos pela enfermidade podem ser estimadas em 6.220 cabeças por ano representando um prejuízo econômico anual aproximado de R$3.732.000,00 evidenciando a necessidade de medidas preventivas que evitem a exposição de animais desprote-gidos aos agentes da TPB. Resumo em inglês A retrospective study of tick fever was made, which occurred from 1978-2005 in southern Rio Grande do Sul in the influence area of the Regional Diagnostic Laboratory of the Federal University of Pelotas. From 4,884 cattle specimens, sent by practitioners or which were from necropsies performed at the Diagnostic Laboratory, 231 (4.7%) were diagnosed as tick fever. Data from 221 of those outbreaks were analyzed. Ninety one (41.1%) outbreaks were caused by Babesia bovis, 11 (mais) (4.9%) by Babesia bigemina, and 65 (29.41%) by Anaplasma marginale. In other 33 (14.93%) outbreaks of babesiosis there is no information if the disease was caused by B. bovis or B. bigemina, and 21 (9.5%) outbreaks were caused by mixed infection of A. marginale and B. bovis or B. bigemina. Mean morbidity, mortality, and letality rates in 149 outbreaks were 11.17%, 6.81%, and 70.04%, respectively. Most outbreaks occurred during summer (January-March) and autumn (April-June), mainly in 1 to 3-year-old cattle. Clinical signs were depression, weakness, fallen ears, fever, and weight loss. Low packed cell volume values were always found. Hemoglobinury was observed in babesiosis. Neurological signs characterized by gait alterations, muscular tremors, aggressiveness and falling down with tonic and clonic convulsions were observed in babesiosis by B. bovis. The main gross lesions were anemia, jaundice, splenomegaly, hepatomegaly, yellow liver and cardiac hemorrhages. Hemoglobinury was observed in babesiosis, and congestion of the cerebral cortex in babesiosis by B. bovis. It is concluded that B. bovis is the main agent causing thick fever in southern Rio Grande do Sul. In that region with a cattle population of 2,630,000 heads the annual losses due to tick fever can be estimated in 6,220 cattle or US$ 1,623,000.00. Preventive measures to diminish tick fever losses in the region are necessary.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

52

Análise da distribuição de potência cortical em função do aprendizado de datilografia/ Analysis of cortical power distribution as a function of the typewriting skill/ Analisis da distribuición de potencia cortical en función del aprendizado de dactilografia

Bastos, Victor Hugo; Cunha, Marlo; Veiga, Heloisa; McDowell, Kaleb; Pompeu, Fernando; Cagy, Maurício; Piedade, Roberto; Ribeiro, Pedro
2004-12-01

Resumo em português O objetivo do presente estudo foi investigar alterações nos padrões eletroencefalográficos de sujeitos normais e destros durante o aprendizado motor de uma tarefa manual. Estudos recentes têm demonstrado que o córtex cerebral é suscetível a modificações em vários aspectos durante a aprendizagem e que tais alterações nos padrões eletrocorticais são resultado da aquisição de habilidades motoras e consolidação de memória. Para tal, a atividade elétrica c (mais) ortical dos sujeitos foi analisada antes e depois da prática motora. Os dados foram captados pelo Braintech 3000 e analisados pelo programa Neurometrics. Para a análise estatística, variáveis comportamentais tais como tempo e erro foram observadas através de uma ANOVA one-way, blocos como efeito principal. Na variável neurofisiológica, potência absoluta, foi utilizado um teste t pareado a fim de detectar alterações entre os momentos pré e pós-aprendizagem, e diferentes eletrodos, CZ-C3/CZ-C4 em teta e alfa, e O1-P3/T3-F7 em beta. Os resultados principais demonstraram mudança na performance através das variáveis tempo e número de erros. Concomitantemente, foi verificado aumento de potência na banda alfa sobre áreas centrais (CZ-C3/CZ-C4) e diminuição em beta localizada na área temporoparietal esquerda (O1-P3/T3-F7). Alterações na banda teta, como demonstradas em outros experimentos, não ocorreram neste estudo. Tais resultados sugerem uma adaptação do córtex sensório-motor em que a alteração da atividade elétrica cortical é condizente com uma transição ao automatismo motor. Resumo em espanhol El objetivo del presente estudio fue el de investigar alteraciones en los padrones electroencefalográficos de sujetos normales y diestros durante el aprendizaje motor de una tarea manual Estudios recientes tienen demostrado que en el cortex cervical es susceptible a varias modificaciones en varios aspectos durante el aprendizaje, y que tales alteraciones en los padrones electrocorticales son los resultados de la adquisición de habilidades motoras y de la consodilación (mais) de la memoria. Para tal, la actividad cortical eléctrica de los sujetos fue analizada antes y después de la práctica motora. Los datos fueron captados por el "Braintech" 3000 y analizados por el programa "Neurometrics". Para el análisis estadístico, variables del comportamiento tales como tiempo y error fueron observadas a través de un ANOVA "one-way", bloques como efecto principal. En la variable neurofisiológica; potenbcia absoluta, fue utilizado el test-T pareado a fin de poder detectar alteraciones entre los momentos pre y post aprendizaje, en diferentes electrodos, CZ-C3/CZ-C4 en teta y alfa y O1-P3/T3-F7 en beta. Los resultados principales demonstraron un cambio en la performance a través del tiempo y en el número de errores Concomitantemente, fue observado y verificado un aumento de la potencia en la banda alfa sobre las áreas centrales (CZ-C3/CZ-C4) y una diminuición en beta localizada en el área temporo-parietal izquierda (O1-P3/T3-F7). Las alteraciones en la banda teta, como se han demostrado en otras experiencias, no ocurrieron en este estudiotales resultados sugieren una adapatación del la corteza sensorio-motora en la que la alteración de la actividad eléctrica cortical es coincidente con una transmición al automatismo motor. Resumo em inglês The present study aimed to investigate alterations in EEG patterns in normal and right-handed individuals, during the process of learning a specific motor skill (typewriting). Recent studies have shown that the cerebral cortex is susceptible to several changes during a learning process and that alterations in the brain's electrical patterns take place as a result of the acquisition of a motor skill and memory consolidation. In this context, the subjects' brain electrical (mais) activity was analyzed before and after the motor task. EEG data was collected by a Braintech 3000 and analyzed by Neurometrics. For the statistical analysis, the behavioral variables "time" and "number of errors" were assessed by a one-way ANOVA, block as main factor. For the neurophysiological variable "absolute power", a paired t-test was performed for each pair of electrodes CZ-C3/CZ-C4, in the theta and alpha frequency bands and for O1-P3/T3-F7 in the beta band. The main results demonstrated a change in performance, through both behavioral variables ("time" and "number of errors"). At the same time, no changes were observed for the neurophysiological variable ("absolute power") in the theta band. On the other hand, a significant increase was observed in the alpha band in central areas (CZ-C3/CZ-C4) and a reduction in the beta band in temporal-parietal areas (O1-P3/T3-F7). These results suggest an adaptation of the sensory-motor cortex, as a result of the typewriting training.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

53

Meningoencefalite por herpesvírus bovino-5/ Meningoencephalitis by bovine herpesvirus-5

Rissi, Daniel R.; Rech, Raquel R.; Flores, Eduardo F.; Kommers, Glaucia D.; Barros, Claudio S.L.
2007-07-01

Resumo em português A meningoencefalite por herpesvírus bovino-5 (BoHV-5) é uma doença infecto-contagiosa, aguda ou subaguda, geralmente fatal e que afeta principalmente bovinos jovens submetidos a situações de estresse. A doença tem sido freqüentemente diagnosticada em várias regiões do Brasil e em outras partes do mundo. BoHV-5 é um vírus da família Herpesviridae e subfamília Alphaherpesvirinae e possui como genoma uma molécula de DNA fita dupla. Esses vírus são caracteriza (mais) dos por rápida replicação em cultivo, que resulta em lise das células infectadas, e afetam várias espécies de hospedeiros, estabelecendo latência principalmente em neurônios de gânglios sensoriais. A transmissão de BoHV-5 ocorre principalmente por contato direto ou indireto entre bovinos. Após a replicação primária nas mucosas oral, nasal, ocular e orofaríngea, o vírus invade as terminações nervosas e é transportado até os neurônios de gânglios sensoriais, onde replica ativamente e estabelece latência. A invasão viral do encéfalo pode resultar em replicação viral massiva e produção de doença neurológica. A maioria dos bovinos que desenvolvem doença neurológica morre em decorrência de meningo-encefalite, porém alguns podem desenvolver infecção subclínica e, após recuperação, permanecerem portadores da infecção latente. A disseminação viral nos rebanhos é facilitada em situações de grande concentração de animais, introdução de bovinos e desmame de lotes de bezerros em idade que coincide com o decréscimo da imunidade passiva. Certas condições, naturais ou induzidas, podem reativar o vírus do estado latente e propiciar condições para sua transmissão e disseminação a outros indivíduos. A doença pode ocorrer na forma de surtos ou em casos isolados, com coeficientes de morbidade que podem variar de 0,05%-5%; a letalidade é quase sempre de 100%. Os sinais clínicos incluem depressão, descarga nasal e ocular, ranger de dentes, andar em círculos, cegueira, febre, movimentos de pedalagem, disfagia, dor abdominal, nistagmo, tremores, sialorréia, incoordenação, opistótono, pressão da cabeça contra objetos, quedas e convulsões. A evolução do quadro clínico pode variar de 1 a 15 dias. Achados de necropsia podem estar ausentes, mas normalmente se observa tumefação das porções rostrais do córtex telencefálico e achatamento das circunvoluções, com segmentos amarelados e amolecidos (malacia). Com a evolução da doença, essas áreas se tornam gelatinosas e acinzentadas, e em casos avançados ocorre o desaparecimento segmentar do córtex telencefálico frontal (lesão residual). Em muitos casos podem ser observados focos de malacia na substância cinzenta dos núcleos basais e do tálamo. Histologicamente observa-se meningoencefalite não-supurativa necrosante, principalmente no córtex telencefálico frontal, associada a inclusões intranucleares eosinofílicas em astrócitos e neurônios, embora a freqüência dessas inclusões seja irregular. O diagnóstico de meningoencefalite por BoHV-5 deve ser feito com base nos achados epidemiológicos, clínicos, de necropsia e histopatológicos, associados com o isolamento do vírus em cultivo celular células ou com detecção de antígenos virais em seções do encéfalo ou em células descamadas presentes nas secreções nasais. A identificação e caracterização de BoHV-5 pode ser realizada por meio de testes com anticorpos mono-clonais, reação em cadeia de polimerase (PCR) e por análise de restrição genômica. Não há tratamento específico para a meningoencefalite por BoHV-5. Como o BoHV-1 e o BoHV-5 são antigenicamente muito semelhantes, recomenda-se a vacinação com vacinas para BoHV-1 como forma de reduzir as perdas causadas por BoHV-5, principalmente durante surtos de doença neurológica. Adicionalmente, outras medidas podem ser adotadas para prevenir ou reduzir os prejuízos ocasionados pela enfermidade, como testar sorologicamente os bovinos a serem introduzidos nos rebanhos, minimizar situações de estresse, sobretudo no desmame, e isolamento dos bovinos afetados. Resumo em inglês Meningoencephalitis caused by bovine herpesvirus-5 (BoHV-5) is an often fatal, acute or subacute infectious disease that affects mainly young cattle under stressing conditions. The disease has been recognized in several Brazilian regions and in other parts of the world. BoHV-5 is a double stranded DNA virus member of the Herpesviridae family and subfamily Alphaherpesvirinae. The virus is characterized by rapid and lytic replication in cell cultures and by the ability to e (mais) stablish lifelong latent infection in sensory nerve ganglia of the host. BoHV-5 is transmitted mainly by direct and indirect contact and replicates acutely in the oral, nasal, oropharingeal or ocular mucosae. After primary replication, the virus invades nerve endings and is transported to the neuron cell bodies of the sensory ganglia where it replicates actively and/or establishes latency. Viral invasion of the brain may result in massive virus replication and production of neurological disease. Virtually all cattle developing neurological disease die of meningoencephalitis; yet the infection may be subclinical in some animals. These animals recover and become latently infected. Viral dissemination within a herd is facilitated by conditions such as crowding, introduction of cattle from other herds and weaning of calves in ages that coincide with decrease of passive immunity. Certain natural or induced conditions may reactivate the latent virus and favor its transmission and dissemination to other susceptible individuals. The disease may occur as outbreaks or as sporadic cases, with morbidity rates ranging of 0.05%-5%; lethality is almost always 100%. Clinical signs include depression, nasal and ocular discharge, grinding of teeth, circling, blindness, fever, paddling movements, disphagia, abdominal pain, nystagmus, muscle tremors, drooling, incoordinated gait, opisthotonus, head pressing, falls and convulsions. Clinical course is usually 1-15 days. Necropsy findings may be absent but often there is swollen of the rostral portions of the cerebral cortex and flattening of gyri, with softening and segmental yellow discoloration (malacia). As the disease progresses the affected areas become gelatinous and grey and, in advanced cases, there is segmental loss of the cerebral cortex of the frontal lobe of the brain (residual lesion). In several cases there is malacia of the basal nuclei and of the thalamus. Histologically, there is necrotizing non-suppurative meningoencephalitis affecting mainly the cerebral cortex of the frontal lobe associated with eosinophilic intranuclear inclusion bodies in neurons and astrocytes, although the frequency of the inclusion bodies is inconsistent. The diagnosis of meningoencephalitis by BoHV-5 should be based on epidemiology, clinical signs, necropsy and histological findings. The diagnosis should be confirmed by viral isolation in cell culture and/or by detection of viral antigens in brain sections or in exfoliated cells from nasal secretions. The identification and characterization of BoHV-5 can be done by the use of mono clonal antibodies, polymerase chain reaction (PCR) and/or by restriction enzyme analysis of the viral genome. There is no specific treatment for the disease. As BoHV-1 and BoHV-5 are antigenically related, vaccination using BoHV-1 vaccines may be recommended as a means of reducing the losses caused by BoHV-5 infection, mainly during outbreaks of neurologic disease. Additionally, measures such as serologic testing of new additions to the herd; and management practices to prevent stress and to reduce conditions for virus dissemination among animals may help in reducing the incidence and the consequences of BoHV-5 infection and disease.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

54

Fisiopatologia da enxaqueca/ Migraine pathophysiology

VINCENT, MAURICE B.
1998-12-01

Resumo em português A fisiopatologia da enxaqueca ainda não foi completamente elucidada. As principais estruturas envolvidas parecem ser o sistema nervoso central (córtex e tronco cerebral), o sistema trigeminovascular e os vasos correspondentes, outras fibras autonômicas que inervam estes vasos, e os vários agentes vasoativos locais, como a SP, CGRP, NO, VIP, NPY, ACh, NA, NKA, entre outros. A depressão alastrante é o fenômeno neurológico que provavelmente justifica achados experime (mais) nais e clínicos na enxaqueca. Ela tem velocidade de propagação semelhante à aura, ativa o núcleo espinhal do trigêmeo e está relacionada à liberação de CGRP e NO. Alterações circulatórias detectadas por métodos complementares reforçam o papel da depressão alastrante. A identificação de anormalidades em pelo menos três loci (cromossomas 19 e 1) na enxaqueca hemiplégica familiar ocorreu recentemente. Elas estão relacionadas a anormalidades nos canais de cálcio voltagem dependentes tipo P/Q, específicos do sistema nervoso central, que regulam a liberação de vários neurotransmissores, incluindo possivelmente a serotonina. A exemplo de outras anormalidades neurológicas paroxísticas que resultam da hiperexcitabilidade da membrana plasmática, é possível que a enxaqueca ocorra devido a uma desordem de canais iônicos. Resumo em inglês The pathophysiology of migraine is not yet fully understood. The most important structures involved seem to be the central nervous system (cortex and brain stem), the trigeminovascular system and related cranial arteries, other autonomic fibres innervating such vessels, and various local vasoactive agents, including SP, CGRP, NO, VIP, NPY, ACh, NA, NKA, among others. The spreading depression phenomenon may explain clinical as well experimental findings in migraine. Its pr (mais) opagation velocity mirrors what is found in clinical aura, it may activate the spinal trigeminal nucleus and may induce CGRP and NO release. Circulatory changes detected with various imaging procedures during migraine also support the pathophysiological role of spreading depression. Three abnormal loci (chromosomes 1 and 19) have been recently found in familial hemiplegic migraine. This produces abnormalities in the voltage-dependent P/Q Ca channel, specific for the central nervous system, which regulates the release of various neurotransmitters, probably including serotonin. It is possible that a channelopathy underlies the pathophysiology of migraine, as in other paroxysmal neurological disorders secondary to membrane hyperexcitability.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

55

Infecção e enfermidade neurológica pelo herpesvírus bovino tipo 5 (BHV-5): coelhos como modelo experimental/ Acute infection and neurological disease by bovine herpesvirus type-5 (BHV-5): Rabbits as an experimental model

Beltrão, Nilzane; Flores, Eduardo F.; Weiblen, Rudi; Silva, Adriana M.; Roehe, Paulo M.; Irigoyen, Luiz F.
2000-12-01

Resumo em português Coelhos são susceptíveis à infecção pelo herpes-vírus bovino tipo 5 (BHV-5) e freqüentemente desenvolvem enfermidade neurológica aguda fatal após inoculação intranasal. A cinética da invasão do sistema nervoso central (SNC) de coelhos pelo BHV-5 foi estudada através de pesquisa de vírus em secções do SNC a diferentes intervalos pós-inoculação. Após inoculação intranasal, o vírus foi inicialmente detectado no bulbo olfatório às 48h, seguido do có (mais) rtex olfatório às 48/72h. Às 72/96h o vírus foi detectado também no gânglio trigêmeo, ponte e córtex cerebral. Dois experimentos foram realizados para avaliar a importância do sistema olfatório na invasão do SNC de coelhos pelo BHV-5. No primeiro experimento, coelhos foram inoculados com duas amostras do BHV-5 no saco conjuntival. Coelhos inoculados por essa via também desenvolveram a enfermidade neurológica, porém com menor freqüência com curso clínico tardio. No segundo experimento, doze coelhos foram submetidos à ablação cirúrgica do bulbo olfatório e posteriormente inoculados com o BHV-5 pela via intranasal. Onze de 12 coelhos controle (91,6%), não submetidos à cirurgia, desenvolveram a doença neurológica, contra quatro de 12 (33,3%) dos animals submetidos à remoção cirúrgica do bulbo olfatório. Esses resultados demonstram que o sistema olfatório constitui-se na principal via de acesso do BHV-5 ao encéfalo de coelhos após inoculação intranasal. No entanto, o desenvolvimento de infecção neurológica em coelhos inoculados pela via conjuntival e em coelhos sem o bulbo olfatório indica que o BHV-5 pode utilizar outras vias para invadir o SNC, provavelmente as fibras sensoriais e autonômicas que compõe o nervo trigêmeo. Os efeitos da imunização com vírus homólogo (BHV-5) e heterólogo (BHV-1) na proteção à infecção neurológica foram investigados. Cinco entre 10 coelhos (50%) imunizados com o BHV-5 apresentaram sinais neurológicos discretos e transitórios e um morreu após o desafio com o BHV-5. Curiosamente, o grau de proteção foi superior nos coelhos imunizados com o BHV-1: apenas dois animais apresentaram sinais clínicos passageiros e recuperaram-se. Portanto, proteção da enfermidade neurológica pelo BHV-5 em coelhos pode ser obtida por imunização com o BHV-5 ou BHV-1, provavelmente devido à extensa reatividade sorológica cruzada entre esses vírus. Estudos adicionais em coelhos podem auxiliar no esclarecimento da patogênese e resposta imunológica a infecção pelo BHV-5. Resumo em inglês Rabbits are susceptible to bovine herpesvirus type 5 (BHV-5) infection and often develop an acute and fatal neurological disease upon intranasal inoculation. The kinetics of viral infection of the central nervous system (CNS) was investigated by testing serial brain sections for infectivity at intervals after virus inoculation. The virus was first detected in the main olfactory bulb at 48h, followed by the olfactory cortex at 48/72h. At 72/96h infectivity was also detecte (mais) d in the trigeminal ganglia, pons and cerebral cortex. Two experiments were conducted to investigate the role of the olfactory system in the invasion of the rabbits' CNS by BHV-5. In the first experiment, rabbits were inoculated with two BHV-5 isolates in the conjunctival sac. Rabbits inoculated by this route developed the neurological disease, yet with a reduced frequency and delayed clinical course. In a second experiment, twelve rabbits were submitted to surgical removal of the olfactory bulb and subsequently inoculated intranasally with BHV-5. Eleven out of 12 (91.6%) of the control rabbits developed the disease, against four out of 12 (33.3%) of the animals lacking the olfactory bulb. These results suggest that the olfactory system is the main pathway utilized by BHV-5 to reach the CNS of rabbits after intranasal inoculation. Nevertheless, the development of neurological infection in rabbits inoculated in the conjunctival sac and in rabbits lacking the olfactory bulb indicate that BHV-5 may utilize an alternative route to invade the CNS, probably the sensory and autonomic fibers of the trigeminal nerve. The effects of immunization with homologous (BHV-5) and heterologous (BHV-1) strains in prevention of neurological disease by BHV-5 were investigated. Five out of 10 rabbits (50%) immunized with BHV-5 showed mild and transient neurological signs and one died upon challenge. Interestingly, the degree of protection against BHV-5 challenge was higher in rabbits immunized with BHV-1: only two rabbits showed transient neurological signs and subsequently recovered. Thus, prevention of neurological disease by BHV-5 in rabbits may be achieved by immunization with either BHV-5 or BHV-1, likely reflecting the extensive serological cross-reactivity between these viruses. Further studies in rabbits may help in understanding the pathogenesis and immune response to BHV-5 infection.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

56

Infecção aguda e latente em ovinos inoculados com o herpesvírus bovino tipo 5 (BHV-5)/ Acute and latent infection in sheep inoculated with bovine herpesvirus type-5 (BHV-5)

Silva, Adriana M.; Flores, Eduardo F.; Weiblen, Rudi; Botton, Sônia A.; Irigoyen, Luiz F.; Roehe, Paulo M.; Brum, Mário Celso S.; Canto, Marister C.
1998-07-01

Resumo em português Infecção experimental de ovinos com o herpesvírus bovino tipo 5 (BHV-5) reproduziu vários aspectos da infecção pelo BHV-5 em bovinos. Inoculação intranasal foi seguida de extensiva replicação viral na cavidade nasal, excreção e transmissão do vírus a outros animais, estabelecimento e reati-vação de latência, e o desenvolvimento de meningoencefalite clínica em um animal. Ovinos inoculados com a amostra brasileira EVI-88 apresentaram hipertermia transitór (mais) ia, hiperemia da mucosa nasal e corrimento nasal de seroso a muco-purulento. Os animais eliminaram vírus em secreções nasais em títulos de até 107,11DICC50/ml por até 16 dias. Um cordeiro apresentou sinais clínicos de encefalite no dia 10 pós-inoculação, sendo sacrificado in extremis no início do dia 13. Infectividade foi detectada em várias regiões do encéfalo desse animal, incluindo os hemisférios anterior e posterior, córtex dorso- e ventro-lateral, ponte, pedúnculo cerebral, cerebelo e bulbo olfatório. Alterações histológicas foram observadas em várias regiões do encéfalo, principalmente no hemisfério anterior, córtex ventro-lateral e pedúnculos cerebrais, e consistiram de meningite mononuclear, manguitos perivasculares, gliose focal, necrose e inclusões intranucleares em neurônios . Quatro ovinos mantidos como sentinelas adquiriram a infecção e eliminaram vírus a partir do final do segundo dia, até 7 dias. Ovinos inoculados com a amostra argentina A663 apresentaram apenas hiperemia e umidecimento da mucosa nasal, embora eliminassem vírus nas secreções nasais por até 15 dias. Tratamento dos animais com dexametasona a partir do dia 50 pós-inoculação provocou reativação da infecção latente e eliminação viral durante até 11 dias por 76,9% (10/13) dos animais inoculados e por 100% (3/3) dos animais sentinela. Esses resultados demonstram que ovinos são susceptíveis à infecção aguda e latente pelo BHV-5 e sugerem que infecções naturais de ovinos por este vírus podem potencialmente ocorrer. Ness sentido, uma possível participação da espécie ovina como reservatório natural desse vírus deve ser melhor investigada. Resumo em inglês Experimental inoculation of lambs with bovine herpesvirus type 5 (BHV-5) reproduced several aspects of the BHV-5 infection in cattle. Intranasal inoculation was followed by efficient viral replication and shedding, establishment and reactivation of latency, and even the development of meningoencephalitis in one animal. Lambs inoculated with the brazilian isolate EVI-88 showed transient hipertermia, nasal hiperemia and discharge ranging from serous to muco-purulent. The an (mais) imals shed virus in nasal secretions in titers up to 107.11 TCID50/ml during up to 16 days. One lamb showed clinical signs of encephalitis on day 10 post inoculation (pi), being euthanized in extremis on day 13. Infectious virus was recovered from several areas of the brain of this lamb, including anterior and posterior cerebrum, dorso- and ventro-lateral hemisphere, cerebellum, pons, midbrain and olfactory bulb. Histological changes were observed in several regions of the brain, most consistently in the anterior cerebrum, ventro-lateral cortex and midbrain, and consisted mainly of meningitis, perivascular mononuclear cuffing, focal gliosis, neuronal necrosis and intranuclear inclusions. Four lambs used as sentinels acquired the infection and shed virus starting at the 2nd day pi during up to 7 days. Lambs inoculated with the argentinian isolate A663 showed only mild respiratory signs, although they shed virus for up to 15 days. Administration of dexamethazone to the animals starting at day 50 pi was followed by reactivation of the latent infection and viral shedding during up to 11 days by 76.9% (10/13) of the inoculated lambs and 100% (3/3) of the sentinels. These results demonstrate that sheep are susceptible to BHV-5 acute and latent infection and suggest that natural infections by this virus in sheep may potentially occur. In this sense, a possible role of this species in the epidemiology of BHV-5 infections awaits further investigation.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

57

Sinais clínicos, distribuição das lesões no sistema nervoso e epidemiologia da raiva em herbívoros na região Nordeste do Brasil/ Clinical signs, distribution of the lesions in the central nervous system and epidemiology of rabies in northeastern Brazil

Lima, Everton Ferreira; Riet-Correa, Franklin; Castro, Roberto Soares de; Gomes, Albério Antonio Barros; Lima, Fabiano de Sousa
2005-12-01

Resumo em português Descrevem-se 24 surtos de raiva em bovinos (25 casos), 4 em eqüinos (5 casos), 2 em caprinos (2 casos) e 2 em ovinos (4 casos). Todos os surtos ocorreram na Paraíba, exceto um em eqüinos que ocorreu no Rio Grande do Norte. Todos os surtos, com a exceção de um em ovinos, foram transmitidos provavelmente por morcegos hematófagos; no entanto, não se descarta a possibilidade de transmissão por raposas (Dusicyon vetulus). Os sinais clínicos foram representativos da lo (mais) calização das lesões no sistema nervoso central (SNC). Em bovinos os sinais eram, principalmente, da forma paralítica, causados por lesões da medula, tronco encefálico e cerebelo; mas alguns animais apresentaram depressão, excitação e outros sinais associados a lesões cerebrais. Três dos 5 eqüinos apresentaram sinais de lesões cerebrais e 2 apresentaram a forma paralítica. De 4 ovinos e 2 caprinos, 4 apresentaram a forma paralítica, mas em um caprino e um ovino os sinais foram predominantemente de lesões cerebrais. Todos os animais afetados, exceto um caprino, tiveram um curso clínico de 2-8 dias. As únicas lesões macros-cópicas observadas foram a dilatação da bexiga em 4 bovinos e a dilatação da ampola retal em 2. Dois cavalos apresentaram lesões da pele causadas por traumatismos. As lesões histológicas foram de encefalomielite e meningite difusa não supurativa. Nos eqüinos e em um caprino com evolução clínica de 35 dias as lesões foram mais severas, observando-se necrose neuronal, neuronofagia e presença de esferóides axonais. Corpúsculos de Negri foram observados em 87% (20/23) dos bovinos examinados e em 83% (5/6) dos ovinos e caprinos. Nessas 3 espécies os corpúsculos foram mais freqüentes no cerebelo, mas ocorreram também no tronco encefálico, medula e cérebro. Em cavalos, corpúsculos de Negri foram menos numerosos, sendo observados somente no córtex de um animal e no córtex e hipocampo em outro. No gânglio trigeminal, as lesões histológicas e os corpúsculos de Negri foram menos freqüentes que no SNC. Esses resultados mostram que na raiva dos herbívoros os sinais clínicos e a distribuição das lesões histológicas do SNC são variáveis, e que para o correto diagnóstico da enfermidade são necessários um bom exame clínico e o estudo histológico das diferentes regiões do SNC. Sugere-se, também, que perante resultados negativos nos testes de imunofluo-rescência e inoculação em camundongos, estes devam ser repetidos com amostras de diferentes regiões do SNC. Utilizando-se dados sobre a freqüência de doenças, de 4 laboratórios de diagnóstico, foi realizada uma estimativa das mortes de bovinos causadas pela raiva, anualmente, em 3 Estados. Na Paraíba, com uma população de 918.262 bovinos, o número de mortes é estimado em 8.609 cabeças por ano. No Mato Grosso do Sul, com uma população de 23 milhões de bovinos, as perdas por raiva são estimadas em 149.500 cabeças e, no Rio Grande do Sul, com uma população de 13 milhões de bovinos, as mortes são estimadas em 13.000 a 16.250 animais por ano. Se estas estimativas forem extrapoladas para todo o Brasil, com 195 milhões de bovinos, as mortes podem ser estimadas em 842.688 cabeças por ano. Resumo em inglês Twenty four outbreaks of rabies in cattle, 4 in horses, 2 in sheep, and 2 in goats are reported in northeastern Brazil. All outbreaks occurred in the state of Paraíba, except one in horses that occurred in the state of Rio Grande do Norte. All outbreaks, except one in sheep, were probably transmitted by vampire-bats, but the transmission by foxes (Dusicyon vetulus) is also possible. Clinical signs were characteristic for distribution of the lesions in the central nervous (mais) system (CNS). In cattle, signs were mainly of the paralytic form of rabies, caused by lesions on the spinal cord, brain stem and cerebellum; but some animals showed also depression, excitation and other signs due to cerebral lesions. In 3 out of 5 horses, the main clinical signs were due to lesions in the cerebrum, and 2 had the paralytic form. From 4 sheep and 2 goats affected, 4 showed clinical signs of the paralytic form; but in 1 goat and 1 sheep the main clinical signs were caused by cerebral lesions. All affected animals, except 1 goat, had a clinical manifestation period of 2-8 days. The only gross lesions were distention of the urinary bladder in 4 cattle and distention of the rectum in 2 others. Two horses had skin lesions due to traumatic injury. Histologic lesions were diffuse non-suppurative encephalomyelitis and meningitis. In the horses, and in one goat with a clinical manifestation period of 35 days, the lesions were more severe, with neuronal necrosis, neuronophagia, and presence of axonal spheroids. Negri bodies were found in 87% (20/23) of the cattle cases examined histologically. In small ruminants Negri bodies were found in 83% (5/6) of the cases. In sheep, goats and cattle, Negri bodies were more frequent in the cerebellum, but they were found also in brain stem, spinal cord and cerebrum. In horses, Negri bodies were found in small amounts only in the cortex of one animal, and in the cortex and hippocampus of another. Histologic lesions and Negri bodies in the trigeminal ganglia were less frequent than in the CNS. These results show that in rabies of herbivores, clinical signs and distribution of lesions in the CNS are variable, so that for the diagnosis and adequate clinical evaluation and the histologic study of different areas of the CNS are necessary. This also suggests that when the fluorescent antibody test and mouse inoculation test are negative, they should be repeated with samples from different areas of the brain and spinal cord. Frequency data of diseases from 4 diagnostic laboratories were used to estimate cattle deaths due to rabies in 3 Brazilian states. In Paraíba, with a population of 918,262 cattle, the annual death rate is estimated in 8,609 heads. In Mato Grosso do Sul, with a population of 23 millions cattle, deaths caused by rabies are estimated in 149,500 heads, and in Rio Grande do Sul, with a cattle population of 13 millions, cattle deaths due to rabies are estimated in 13,000 to 16,250 heads. If these data are used to estimate cattle losses in Brazil, with a cattle population of 195 millions, it can be estimated that 842,688 deaths are caused annually by rabies.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

58

Potencial cognitivo P300 em indivíduos com diabetes mellitus/ Cognitive P300 potential in subjects with diabetes mellitus

Alvarenga, Kátia de Freitas; Duarte, Josilene Luciene; Silva, Daniela Polo Camargo da; Agostinho-Pesse, Raquel Sampaio; Negrato, Carlos Antonio; Costa, Orozimbo Alves
2005-04-01

Resumo em português Diabetes Mellitus pode acarretar complicações nos olhos, rins, nervos cranianos, nervos periféricos, ouvidos, etc. A função cognitiva também parece estar prejudicada em indivíduos portadores de Diabetes Mellitus, visto que as estruturas corticais e subcorticais responsáveis por esta função estão prejudicadas em alguns pacientes dependentes de insulina. O potencial cognitivo P300 tem sido usado como um procedimento objetivo para avaliar a função cognitiva cere (mais) bral. OBJETIVO: Analisar a sensibilidade do potencial cognitivo P300 para detectar alterações no córtex auditivo decorrentes do Diabetes Mellitus. FORMA DE ESTUDO: coorte transversal. MATERIAL E MÉTODO: Participaram deste estudo 16 indivíduos diabéticos de ambos os sexos, com idade variando de 7 a 71 anos, e 17 indivíduos não-diabéticos equiparados quanto ao sexo, idade e limiar auditivo. Os procedimentos de avaliação foram: Audiometria Tonal Liminar (ATL) e potencial cognitivo P300. No grupo diabético foi realizada a medida do valor glicêmico antes da realização do P300. RESULTADOS: Os resultados obtidos na ATL não mostraram diferença estatisticamente significante. Foi observado diferença estatisticamente significante entre os grupos, quando analisado a latência do componente P3, medido em Fz. Houve correlação entre a glicemia e a latência e amplitude do P300. CONCLUSÃO: A pesquisa do potencial cognitivo P300 é um importante procedimento para prevenir e diagnosticar precocemente de alterações neurológicas em indivíduos com Diabetes Mellitus. Resumo em inglês Diabetes Mellitus may lead to alterations in the eyes, kidneys, cranial nerves, peripheral nerves, ears etc. The cognitive function also seems to be compromised in subjects presented with Diabetes Mellitus, since the cortical and subcortical structures responsible for this function are hindered in some insulin-dependent patients. The cognitive potential P300 has been used as an objective procedure to assess cerebral cognitive functions. AIM: To analyze the sensitivity of (mais) P300 cognitive potential for the detection of alterations on the auditory cortex secondary to Diabetes Mellitus. STUDY DESIGN: transversal cohort. MATERIAL AND METHOD: Sixteen diabetic subjects of both genders aged 7 to 71 years, and seventeen non-diabetic individuals at the same age range participated in this study. The evaluation procedures were pure tone audiometry (PTA) and P300 cognitive potential. Glycemia of the group presented with Diabetes was assessed prior to applying P300. RESULTS: No statistically significant difference was shown for PTA results. A statically significant difference was observed between groups when analyzing the latency of P300 component measured in Fz. There was a correlation between glycemia and latency and amplitude of P300. CONCLUSION:The investigation of the cognitive potential of P300 is an important procedure for prevention and early diagnosis of neurological changes in individuals presented with Diabetes Mellitus.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

59

Polioencefalomalacia em bovinos: epidemiologia, sinais clínicos e distribuição das lesões no encéfalo/ Bovine polioencephalomalacia: epidemiology, clinical signs and distribution of lesions in the brain

Sant'Ana, Fabiano J.F. de; Rissi, Daniel R.; Lucena, Ricardo B. de; Lemos, Ricardo A.A.; Nogueira, Ana Paula A.; Barros, Claudio S.L.
2009-07-01

Resumo em português Trinta e um casos de polioencefalomalacia (PEM) diagnosticados de 1999-2008 em bovinos do Sul (13 casos) e Centro-Oeste (18 casos) brasileiros foram estudados. As taxas de morbidade (0,04%-6,66 %), mortalidade (0,04%-6,66 %) e letalidade (50%-100%) foram semelhantes em ambas as regiões estudadas. Não houve uma associação clara entre os casos de PEM e a idade, sexo dos bovinos e sazonalidade. Os casos ocorreram principalmente em bovinos criados de forma extensiva em pa (mais) stagem. Na Região Sul a doença afetou principalmente bovinos jovens (um ano de idade ou menos), enquanto que principalmente bovinos mais velhos (3 anos de idade ou mais) foram afetados no Centro-Oeste. Os sinais clínicos mais frequentemente observados incluíram cegueira, incoordenação, andar em círculos, opistótono, decúbito e movimentos de pedalagem. A evolução do quadro clínico variou de 12 horas a 8 dias (media 3 dias e meio). Em 11 encéfalos não foram observadas alterações macroscópicas; as principais alterações macroscópicas nos outros casos incluíam congestão com tumefação e achatamento das circunvoluções, amolecimento e amarelamento do córtex telencefálico, focos de hemorragia no tronco encefálico, cerebelo e telencéfalo e herniação cerebelar. As principais alterações histológicas ocorreram no córtex dos lobos telencefálicos occipital, parietal e frontal; no entanto, lesões menos acentuadas e menos frequentemente observadas ocorreram no hipocampo, núcleos da base, tálamo, mesencéfalo e cerebelo. O tipo de lesão microscópica cortical era consistente em todos os casos e incluía necrose neuronal (neurônio vermelho) laminar segmentar, espongiose, tumefação do núcleo das células endoteliais, astrócitos Alzheimer tipo II e infiltração por células gitter. Em 20% dos casos havia um leve infiltrado celular linfo-histiocitário e em 13% dos casos havia leve infiltrado de neutrófilos e eosinófilos. Adicionalmente, lesões necro-hemorrágicas leves ou moderadas foram observadas em 49% dos casos nos núcleos da base, em 39% dos casos no tronco encefálico e em 26% dos casos no tálamo. Lesões telencefálicas foram consistentemente observadas nas lâminas dos córtices dos lobos occipital, parietal e frontal. Nessas regiões as camadas granular externa e interna foram as mais afetadas tanto por neurônios necróticos quanto por edema em todas as regiões avaliadas. Tanto os giros quanto os sulcos foram afetados igualmente. Resumo em inglês Thirty one cases of polioencephalomalacia (PEM) diagnosed from 1999-2008 in cattle from the Southern (13 cases) and Midwestern (18 cases) Brazil were studied. Morbidity (0.04%-6.66 %), mortality (0.04%-6.66 %), and lethality (50%-100%) rates were similar in both regions studied. There was no clear association between PEM cases and age, sex or seasonality. Cases occurred mainly in cattle raised at pasture; in the Southern the disease affected mainly young cattle (one-year (mais) old or less) while mainly older cattle (three-year-old or older) were affected in the Midwest. Clinical signs more frequently observed included blindness, incoordination, circling, opisthotonus, recumbence and peddling movements. Clinical course varied from 12 hours to 8 days (average three days and a half). In 11 cases no gross changes were observed in the brain. Main gross findings in the brain of remaining cases included congestion with swelling and flattening of gyri, softening and yellow discoloration of cerebral cortex, hemorrhagic foci in the brain stem, cerebellum and telencephalon, and cerebellar herniation. The main histopathological changes were in the cortex of occipital, parietal and frontal telencephalic lobes; however less prominent and less frequently found lesions occurred in the hippocampus, basal nuclei, thalamus, midbrain, and cerebellum. The type of microscopic cortical lesions was consistent in all cases and included segmentar laminar neuronal necrosis (red neurons), spongiosis, swollen of vascular endothelial nuclei, Alzheimer type II astrocytes and infiltration of gitter cells. In 20% of the cases there was mild lymphohistiocytic cellular infiltrate and in 13% of the cases there was mild infiltrate by neutrophils and eosinophils. Additionally, mild to moderate necro-hemorrhagic lesions were observed in 49% of the cases in the basal nuclei, in 39% of the cases in brain stem and in 26% of the cases in the thalamus. Brain lesions were consistently found in the cortical laminae of the occipital, parietal and frontal telencephalic lobes. In such locations, most frequently affected cortical layers both by neuronal necrosis and edema were external and internal granular layers. Both gyri and sulci were equally affected.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

60

Genes e epilepsia I: epilepsia e alterações genéticas/ Genes and epilepsy I: epilepsy and genetic alterations

Gitaí, Daniel L. G.; Romcy-Pereira, Rodrigo N.; Gitaí, Lívia L. G.; Leite, João P.; Garcia-Cairasco, Norberto; Paço-Larson, Maria Luisa
2008-06-01

Resumo em português INTRODUÇÃO: Epilepsia é uma desordem neurológica caracterizada por crises espontâneas e recorrentes, que afeta de 2% a 3 % da população mundial. As crises epilépticas refletem atividade elétrica anormal e paroxística, preferencialmente em uma ou várias áreas do córtex cerebral, que podem ser causadas por inúmeras patologias estruturais ou neuroquímicas. Dentre os importantes estudos das últimas décadas no campo da epileptologia, destaca-se a identificaç� (mais) �o de genes associados a certos tipos de epilepsia. OBJETIVO: Nesta revisão, descrevemos as principais alterações genéticas associadas ao processo epileptogênico, discutindo as mais recentes descobertas e suas contribuições para a compreensão das bases genéticas das epilepsias idiopáticas monogênicas (EIM) e das epilepsias geneticamente complexas. RESULTADOS E CONCLUSÃO: Estudos de ligação e associação mostram que alterações em genes que codificam canais iônicos são as principais causas genéticas das epilepsias idiopáticas monogênicas e de predisposição nas epilepsias geneticamente complexas. Além disso, as síndromes nas quais a epilepsia é um aspecto importante do quadro clínico podem ser provocadas por genes envolvidos em diferentes vias celulares, tais como: migração neuronal, metabolismo de glicogênio e cadeia respiratória. Portanto, acredita-se que diferentes categorias de genes possam atuar na determinação do traço epiléptico. A identificação de tais famílias de genes não apenas nos ajudará a entender as vias moleculares associadas à hiperexcitabilidade neuronal e ao processo epileptogênico, mas também poderá conduzir ao desenvolvimento de novas e mais precisas estratégias de tratamento da epilepsia. Resumo em inglês INTRODUCTION: Epilepsy is a neurological disorder characterized by spontaneous and recurrent seizures with an estimated prevalence of 2-3 % in the world population. Epileptic seizures are the result of paroxystic and hypersynchronous electrical activity, preferentially in cortical areas, caused by panoply of structural and neurochemical dysfunctions. Recent advances in the field have focused on the molecular mechanisms involved in the epileptogenic process. OBJECTIVES: In (mais) the present review, we describe the main genetic alterations associated to the process of epileptogenesis and discuss the new findings that are shedding light on the molecular substrates of monogenic idiopathic epilepsies (MIE) and on genetically complex epilepsies (GCE). RESULTS AND CONCLUSION: Linkage and association studies have shown that mutations in ion channel genes are the main causes of MIE and of predisposition for GCE. Moreover, mutations in genes involved in neuronal migration, glycogen metabolism and respiratory chain are associated to other syndromes involving seizures. Therefore, different gene classes contribute to the epileptic trait. The identification of epilepsy-related gene families can help us understand the molecular mechanisms of neuronal hyperexcitability and recognize markers of early diagnosis as well as new treatments for these epilepsies.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

61

Aspectos clínico-patológicos da intoxicação experimental por selenito de sódio em eqüinos/ Clinical and pathological aspects of experimental poisoning by sodium selenite in horses

Néspoli, Pedro Brandini; Duarte, Marcos Dutra; Bezerra Jr, Pedro Soares; Döbereiner, Jürgen; Peixoto, Paulo Vargas
2001-09-01

Resumo em português Dadas as controvérsias sobre a intoxicação por selênio, foram realizados nove experimentos com a administração de selenito de sódio, por via intramuscular, em eqüinos, com o intuito de estudar e melhor fundamentar os aspectos clínico-patológicos e toxicológicos sobre esse tema. Conseguiram-se produzir quadros com evoluções superaguda, aguda, subaguda e crônica; alguns sinais clínicos de origem nervosa observados nos quadros agudos foram similares aos descri (mais) tos para "blind staggers"; a despeito disto, o carácter conflitante e duvidoso das descrições sobre essa pretensa entidade historicamente descrita, não permite uma comparação mais exata. O quadro crônico, por outro lado, configurou claramente a primeira reprodução de "alkali disease", por via parenteral, em eqüinos. Estabeleceu-se 1,49 mg/kg de selenito de sódio como a dose única letal para essa espécie. Descrevem-se diversos achados clínico-patológicos relativos aos sistemas cardiovascular e nervoso, antes não mencionados na literatura relativa aos eqüinos intoxicados por selênio. Entre eles, destacam-se, clinicamente, sopro e arritmia cardíacos, desdobramento de bulhas e convulsão. À necropsia, um animal apresentou nítido achatamento das circunvoluções cerebrais e, em relação à histopatologia, lise e necrose de neurônios do córtex, edema de astrócitos, bem como ativação endotelial e gliose. Em relação à patogênese, postula-se que as alterações degenerativo-necróticas observadas no sistema nervoso central, devam-se ao edema, por sua vez conseqüente ao aumento da permeabilidade vascular, determinada pelo selenito de sódio. Resumo em inglês Due to the numerous contradictions on selenium poisoining, and in order to improve knowledge about the clinical, pathological and toxicological aspects, experiments were performed with intramuscular injections of sodium selenite in 9 horses. Peracute, acute, subacute and chronic poisoning was reproduced; some nervous symptoms observed in acute cases were similar to those described for "blind staggers". In spite of this, the conflicting and dubious feature of this formerly (mais) described disease turns very difficult any comparison. On the other hand, the chronic poisoning was the first experimental reproduction of "alkali disease" by the parenteral route in horses. When administered as one injection, the lethal dose for sodium selenite was 1.49 mg/kg. Various clinical and pathological observations regarding the cardiovascular and nervous system, not previously mentioned in the literature for horses, are described. There have to be mentioned especially, (1) as to clinical aspects, cardiac murmurs, arrythmia, splitting of the heart sounds and convulsions, (2) regarding post-mortem findings, flattening of the cerebral gyri and increase of the liquor, and (3) concerning histopathology, lysis and necrosis of neurons in the cortex, oedema of astrocytes, as well as activation of endothelial and glia cells. It is suggested, that the degenerative-necrotic alterations in the central nervous system could be due to the oedema caused by an increase in vascular permeability through the action of the selenite.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

62

Polioencefalomalacia experimental induzida por amprólio em bovinos/ Experimentally amprolium-induced polio-encephalomalacia in cattle

Nogueira, Ana Paula A.; Souza, Roosevelt I.C.; Santos, Bethânia S.; Pinto, Ana Paula; Ribas, Nickolly L.K.S.; Lemos, Ricardo A.A.; Sant'Ana, Fabiano J.F. de
2010-08-01

Resumo em português Para estabelecer um modelo experimental para o estudo da etiologia, patologia e patogênese da polioencefalomalacia (PEM) em bovinos, a condição foi induzida em quatro novilhos pela administração oral de amprólio nas doses diárias de 500 e 350mg/kg de peso vivo, respectivamente por 22 e 26-28 dias. Todos os bovinos morreram espontaneamente ou foram eutanasiados in extremis após um curso clínico de 4-7 dias. Três bovinos que receberam 1.000mg/kg de amprólio e doi (mais) s que receberam 500mg/kg morreram espontaneamente com quadro clínico agudo a subagudo sem desenvolverem sinais e lesões de PEM. Nos novilhos que PEM foi reproduzida, os sinais neurológicos incluíram marcada apatia, incoordenação, posição de cavalete, quedas ocasionais, hiperexcitabilidade, tremores musculares, cegueira, bruxismo, estrabismo, nistagmo, midríase, opistótono, decúbito lateral e movimentos de pedalagem. Os principais achados de necropsia eram restritos ao encéfalo e consistiam de tumefação, achatamento, amolecimento e amarelamento das circunvoluções cerebrais. Histologicamente, havia necrose neuronal segmentar e laminar (neurônios vermelhos) associada a edema, tumefação endotelial, separação das lâminas de neurônios do córtex telencefálico ou entre as substâncias cinzenta e branca e infiltração moderada a acentuada de macrófagos espumosos. Essas alterações eram mais acentuadas nos lobos telencefálicos frontal, parietal e occipital. Adicionalmente, lesões similares e moderadas foram detectadas no mesencéfalo e hipocampo. A necrose neuronal e o edema afetaram uniformemente as camadas de neurônios da substância cinzenta dos lobos telencefálicos frontal, parietal e occipital. Esse modelo experimental de PEM com administração oral de amprólio parece ser útil para o estudo da doença em bovinos, conforme observado anteriormente em ovinos. Resumo em inglês In order to establish an experimental model for the study of the etiology, pathology, and pathogenesis of polioencephalomalacia (PEM) in cattle, the condition was induced into four steers by oral administration of amprolium at daily doses of 500 and 350mg per kg of body weight respectively for 22 and 26-28 days. All steers died spontaneously or were euthanized in extremis after being sick for 4-7 days. Three steers that received the drug at 1,000mg/kg and two that receive (mais) d 500mg/kg died spontaneously with acute or subacute clinical signs and without lesions and signs of PEM. In those steers in which PEM was reproduced, the neurological signs included marked apathy, incoordination, sawhorse stance, occasional falls, hyperexcitability, muscle tremors, blindness, grinding of teeth, strabismus, nystagmus, mydriasis, opisthotonus, and lateral recumbency with paddling movements. Main gross lesions were restricted to the brain and included swelling, flattening, softening and yellow discoloration of the cerebral circumvolutions. Histologically, there was segmental laminar neuronal necrosis (red neurons) associated with edema, swelling of endothelial cells, cleavage of laminar neuronal layers or between gray and white matter and moderate to severe infiltration by foamy macrophages (gitter cells). These changes were more marked in the frontal, parietal and occipital telencephalic lobes. Additionally, similar and moderate lesions were detected in the midbrain and hippocampus. Neuronal necrosis and edema affected uniformly the neurons layers of the grey matter of the frontal, parietal and occipital lobes. This experimental model of PEM with oral administration of amprolium may be useful for the study in cattle, as previously observed in sheep.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

63

Ablação cirúrgica dos bulbos olfatórios em coelhos: modelo para estudos de patogenia de infecções por vírus neurotrópicos/ Surgical ablation of the olfactory bulb in rabbits: a model to study the pathogenesis of neurotropic virus infections

Fonseca, Erika Toledo da; Diel, Diego Gustavo; Souza, Soraia Figueiredo de; Mazzanti, Alexandre; Weiblen, Rudi; Flores, Eduardo Furtado
2006-04-01

Resumo em português Coelhos têm sido utilizados como modelo para o estudo da neuropatogenia da infecção pelo herpesvírus bovino tipo 5 (BHV-5), um importante agente de doença neurológica em bovinos. O sistema olfatório tem sido apontado como a principal via de acesso do vírus ao cérebro após replicação na cavidade nasal. Para investigar a importância da via olfatória na patogenia da infecção neurológica pelo BHV-5, foi elaborada e avaliada uma técnica operatória de craniot (mais) omia transfrontal para remoção dos bulbos olfatórios (BOs), definindo-se as órbitas como referência anatômica. Foram utilizados 45 coelhos com 30 dias de idade, sendo 23 submetidos à ablação cirúrgica dos BOs e posteriormente inoculados pela via intranasal (IN) ou no saco conjuntival (IC) com o BHV-5. Após incisões de pele, tecido subcutâneo e periósteo, a craniotomia foi realizada em um ponto eqüidistante entre os cantos mediais dos olhos, com uma broca sulcada de 3mm acoplada a uma perfuratriz elétrica de baixa rotação. A remoção dos BOs foi realizada com uma sonda uretral n°6 acoplada a um aspirador. O estudo macroscópico de três animais após a cirurgia comprovou que o procedimento foi eficiente na remoção total dos BOs. Isso também foi comprovado pela interrupção do acesso do vírus ao córtex cerebral: apenas um animal (1/11 ou 9,1%) no grupo submetido à ablação dos BOs com inoculação IN desenvolveu enfermidade neurológica, contra 100% (10/10) dos coelhos controle. Conclui-se que a técnica de craniotomia transfrontal utilizando a órbita como referência anatômica permite o acesso adequado para localização e remoção dos BOs e pode ser utilizada em estudos de patogenia de infecções por vírus neurotrópicos que exijam a interrupção completa da via olfatória. Resumo em inglês Rabbits have been used as animal models to study the pathogenesis of neurological infection by bovine herpesvirus type 5 (BHV-5), an important agent of meningoencephalitis in cattle. The olfactory system has been implicated as the main pathway for the virus to reach the brain after replication in the nasal mucosa. To investigate the role of the olfactory route in the pathogenesis of neurological infection, a technique of transfrontal craniotomy for ablation of the main ol (mais) factory bulbs (MOBs), using the eyes as the anatomic reference was developed and evaluated. Using this technique, twenty three 30 days-old rabbits were submitted to surgical ablation of the MOBs and subsequently inoculated with BHV-5. After skin, subcutaneous tissue and periosteum incisions, the craniotomy was performed in a point equidistant to the medial corner of the eyes, with a 3 mm drill coupled to a low intensity elyptic drilling machine. The removal of the MOB's tissue was performed by using a number 6 uretral probe coupled to a surgical vaccum pump. The anatomic references used were appropriate in allowing an adequate and easy access to the MOBs. Necropsy performed in three animals after the surgery demonstrated that the surgical procedure was efficient in completely removing the MOB tissue. This was also demonstrated by the interruption of the access of the virus to the brain after intranasal inoculation: only one animal (1/11) in the bulbectomized group developed neurological infection and disease, against 100% (10/10) of the control group. The transfrontal craniotomy using the eyes as the anatomical reference allowed for an adequate access for localization and removal of the MOBs in rabbits. This techique may be used in studies of viral pathogenesis requiring the complete interruption of the olfactory connection to the brain.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

64

Respostas auditivas evocadas de latência média: um estudo de padronização/ Auditory middle latency evoked responses: a standardizing study

Almeida, Francisco Sales de; Pialarissi, Paulo Roberto; Paiva Júnior, Luiz Eduardo Ferreira; Almeida, Maria Aparecida Oliveira; Silva, André
2006-04-01

Resumo em português A presença das respostas auditivas evocadas de latência média nos permite a avaliação da integridade do sistema auditivo periférico e central, bem como dos núcleos e vias auditivas existentes até no nível da região tálamo-cortical e córtex auditiva primária. OBJETIVO: Temos como objetivo avaliar a presença ou não destas várias deflexões, bem como de suas latências e intervalos e fazer um estudo de padronização. FORMA DE ESTUDO: Estudo de coorte contemp (mais) orâneo com corte transversal e o delineamento sendo quantitativo, descritivo e não-experimental. MATERIAL E MÉTODO: Estudar as várias deflexões, positivas e negativas, eliciadas pelos potenciais auditivos de latência média, em uma população de indivíduos adultos jovens, com idade entre 18 e 30 anos, de ambos os sexos, com audição normal. Utilizamos estimulação sonora monoauricular e captação, separadamente, nos dois hemisférios cerebrais, com eletrodos de superfície. RESULTADO: Neste trabalho verificou-se que os cruzamentos analisados não apresentaram resultados estatisticamente significativos e estipulou-se uma padronização com fundamentação nos resultados obtidos. Podemos afirmar genericamente, tendo-se em conta a não-significância estatística encontrada, que para as ondas Po, obteve-se, respectivamente, para a média e para o desvio padrão os valores de 12,09ms e 1,84; para Na 17,91ms e 2,60; para Pa 29,41ms e 5,66; para Nb 41,43ms e 8,89; para Pb 51,44ms e 12,63 e finalmente para o intervalo Na-Pa 11,52ms e 4,99. CONCLUSÃO: 1-Foi verificada a presença das deflexões Po, Na e Pa em todos os registros, enquanto que as deflexões Nb e Pb estiveram ausentes em 06 registros apenas. 2- Com a obtenção desses registros, avaliamos que a captação dessas deflexões nos serve como um método confiável para a detecção dos potenciais auditivos de latência média, ocorrendo a partir de atividade elétrica gerada, possivelmente, em sítios localizados na região tálamo-cortical, evocados com a utilização de estímulos sonoros. A partir daí, estabelecemos um padrão de respostas, em nosso meio, para indivíduos jovens, com audição normal, possibilitando-nos a realização de estudos posteriores em pacientes com alterações do sistema auditivo. Resumo em inglês The presence of auditory middle latency evoked responses allows us to make an evaluation of the peripheral and central auditory system integrity , as well as the nucleus and auditory ways existing until the level of the thalamus-cortical region and primary auditory cortex. AIM: Our objective is to evaluate the presence or not of this numerous peaks, as well as, their latencies and intervals and extend to make a standardizing study. WAY OF STUDY: Contemporary study of Coor (mais) te with transversal cut and the outline was quantitative, descriptive e non experimental. MATERIAL AND METHOD: Studying several peaks, positives and negatives, caused by the middle latency auditory potentials, in a population of young adults individuals, ranging from 18 to 30 years old, from both genders, with normal hearing. It was used a monoauricular resonant stimulation and a capitation, separately, in both cerebral hemispheres, with surface electrodes. RESULTS: In this research was verified that the analyzed crossings did not present statistically significant results and it was stipulated a pattern from the obtained results. Based on the non-statistical difference found we can affirm that to the Po waves was obtained respectively an average and standard deviation of 12,09 and 1,84; for Na 17,91 and 2,60; for Pa 29,41 and 5,66; for Nb 41,43 and 8,89; to for 51,44 ms e 12,63 and finally to the interval Na-Pa 11,52 and 4,99. CONCLUSION: 1- The presence of the defluxions Po, Na, and Pa was verified in all the registers, whereas the defluxions Nb and Pb were absent in only 06 registers. 2- By having these registers, we evaluated that the inveiglement of these defluxions can be used as a reliable method to detect the average latency of the auditory potentials, by electrical generated activities, possibly in sites located in the thalamus-cortical area, evoked by sonorous stimulation. From that point, we establish a pattern of responses for young ones with normal hearing, helping us with future studies in patients with alterations in the hearing system.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

65

Transtorno da expressão emocional involuntária/ Involuntary emotional expression disorder

Sartori, Helga Cristina Santos; Barros, Tomas; Tavares, Almir
2008-01-01

Resumo em português CONTEXTO: O transtorno da expressão emocional involuntária (involuntary emotional expression disorder ou IEED) consiste em um transtorno do afeto, caracterizado por uma dificuldade em controlar a expressão emocional, que se apresenta por episódios breves e estereotipados de riso e/ou choro incontroláveis. Pode estar relacionado a diversas patologias encefálicas, em variadas localizações anatômicas. OBJETIVOS: Revisar aspectos clínicos, epidemiológicos e fisiopa (mais) tológicos envolvidos no transtorno da expressão emocional involuntária e apresentar as opções atuais e futuras na abordagem terapêutica. MÉTODOS: Pesquisa de base de dados MEDLINE/PUBMED e LILACS utilizando os termos transtorno da expressão emocional involuntária, afeto pseudobulbar, riso e choro patológicos, acidente vascular cerebral, doença de Alzheimer, esclerose múltipla, esclerose lateral amiotrófica. RESULTADOS: No trantorno da expressão emocional involuntária, as crises de choro e/ou riso, além de serem incontroláveis, tendem a ser desproporcionais ao estímulo recebido, podendo estar completamente dissociada do estado de humor do paciente ou mesmo ser contraditória ao contexto no qual o estímulo está inserido. Outros termos são usados na nosografia desse transtorno, como afeto pseudobulbar, riso e choro patológicos, labilidade emocional, emocionalismo e desregulação emocional. Termos como choro forçado, choro involuntário, emocionalidade patológica e incontinência emocional também têm sido utilizados com menor freqüência. Os mecanismos fisiopatológicos específicos envolvidos nesse transtorno ainda não estão bem esclarecidos. Lesões que podem causá-lo estão amplamente distribuídas no encéfalo, mas parecem envolver o lobo frontal, o sistema límbico, o tronco cerebral e o cerebelo, assim como a substância branca que interconecta essa rede. Seu principal diagnóstico diferencial é a depressão. As terapias farmacológicas hoje disponíveis se baseiam em inibidores seletivos de recaptação de serotonina (ISRS), antidepressivos tricíclicos e, em menor extensão, em drogas dopaminérgicas. O composto AVP-923 está sendo estudado como um possível tratamento específico. CONCLUSÃO: Apesar de ser conhecido há séculos, ainda que sob diferentes nomenclaturas, o IEED permanece subdiagnosticado e, considerando a possibilidade dos efeitos deletérios desse transtorno no funcionamento social, ocupacional e familiar do paciente acometido, seu reconhecimento e conduta adequados são decisivos para possibilitar uma melhoria na qualidade de vida do paciente. Resumo em inglês BACKGROUND: Involuntary emotional expression disorder (IEED) is an affect disturbance caracterized by a difficulty of controlling emotional expression, that is presented as short, stereotyped and uncontrollable episodes of laugh-ter, crying, or both. This disorder is associated to multiple encephalic pathologies, in many anatomical locations. OBJECTIVES: The aims of this review are to describe the clinical, epidemiological and pathophysiological features of IEED and prese (mais) nt an overview of current and future treatment approaches. METHODS: Research on databases such as MEDLINE/PUBMED and LILACS, using the terms involuntary emotional expression disorder, pseudobulbar affect, pathological laughter and crying, stroke, Alzheimer's disease, multiple sclerosis, amyotrophic lateral sclerosis. RESULTS: Episodes of laughing and crying that occurs in involuntary emotional expression disorder besides being uncontrollable,they are also disproportionate to motivating stimulus, and they can even be completly dissociated from the patient's mood or even contraditory to the context to which stimuli occurs. Other terms have been used in the nosography of this disorder, like pseudobulbar affect, pathological laughter and crying, emotional lability, emotionalism and emotional dysregulation. Terms such as forced crying, involuntary crying, pathological emotionality and emotional incontinence have also been used, although less frequently. At the present, specific pathophysiological mechanisms of this disorder are still not clear. Insults that can lead to it are widely spread in the brain, but generaly they involve frontal cortex, the limbic system, the brainstem, the cerebellum and the underlying white matter that interconnect these networks. The most important differential diagnosis is depression. Nowadays, the available pharmacological therapies are based on selective serotonin reuptake inhibitors, tricyclic antidepressants, and, less often, dopaminergic agents. AVP-923 is a new compound that has been researched as a possible future specific treatment. DISCUSSION: Although IEED has long been recognized, even under diverse nomenclature, it remains underdiagnosed. Considering the deleterious effects of this disorder on social, occupational and familiar functionning of the affected patient, its recognition and accurate procedure are decisive to allow an improvement on patient's quality of life.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

66

Síndrome de Worster-Drought: relato de caso e distinção em relação à síndrome de Foix-Chavany-Marie/ Worster-Drought syndrome: case report and distinction in relation to Foix-Chavany-Marie syndrome

Queirós, Fernanda; Duarte, Gleison; Correia, Cecília; Sérgio, Juliana Gomes; Vila-Nova, Camila; Lucena, Rita
2004-09-01

Resumo em português A síndrome de Worster-Drought é entidade clínica decorrente de lesão do trato cortico-nuclear. Não existe etiologia definida e caracteriza-se por alteração do controle voluntário e involuntário dos músculos que movimentam lábios, mandíbula, língua, pálato mole e faringe. As principais manifestações clínicas são alterações na fonação e deglutição. Descrevemos o caso de paciente do sexo feminino, 15 anos, que apresenta a referida síndrome. Os achado (mais) s clínicos e radiológicos são comparados com os dados descritos na literatura. Questiona-se a ligação entre síndrome de Worster-Drought e a de Foix-Chavany-Marie, bem como a possível relação entre o uso de drogas abortivas e transtorno oromotor semelhante ao identificado nessas enfermidades. Resumo em inglês Worster-Drought syndrome is a clinical entity resulting from cortico-nuclear tract or cerebral cortex injury, without defined etiology, characterized by alteration of the muscles that control the lips, jaw, tongue, soft palate and pharynx. The main clinical manifestations are alterations in the fonation and deglutition. We describe the case of a 15 year old female patient, displaying the cited syndrome. The clinical, radiological and neurophysiological findings are compar (mais) ed with the described data in the literature. We question the connection between Worster-Drought and Foix-Chavany-Marie syndroms, as well as the possible relationship with use of abortive drugs and similar oromotor problems as found in these two syndromes.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

67

Relação entre degeneração do trato córtico-espinhal através de ressonância magnética e escala funcional (ALSFRS) em pacientes com esclerose lateral amiotrófica/ Correlation between corticospinal tract degeneration through magnetic resonance imaging, and functional scale (ALSFRS) in patients whit amyotrophic lateral sclerosis

Garcia, Larissa Nery; Silva, Alexandre Vallota da; Carrete Jr, Henrique; Favero, Francis Meire; Fontes, Sissy Veloso; Moneiro, Marcelo Tavares; Oliveira, Acary Souza Bulle de
2007-09-01

Resumo em português A esclerose lateral amiotrófica (ELA) é doença neurodegenerativa que afeta o trato córtico-espinhal. A escala funcional de avaliação em ELA (ALSFRS) é um questionário que quantifica clinicamente as perdas motoras, enquanto a imagem por tensor de difusão (DTI) avalia a integridade das fibras através da fração de anisiotropia (FA). No presente estudo, sete pacientes com ELA definida foram avaliados pela ALSFRS e imediatamente submetidos à DTI, obtendo valores d (mais) e FA nas regiões: pedúnculo cerebral (PC), cápsula interna (CI) e substância barnca subjacente às áreas motora primária (M1), motora secundária (M2) e somestésica (SI). Um grupo controle foi constituído de doze indivíduos saudáveis. Os pacientes apresentaram valores de FA significativamente menores que os controles, com tendência à maior redução à direita e nas regiões mais caudais. Curiosamente, os valores de FA estavam reduzidos na área somestésica. Não foi observada correlação entre a duração dos sintomas e os valores de FA. Apesar da correlação entre os valores da ALSFRS e a degeneração em PC e CI, nossos resultados sugerem que essa escala subjetiva não é um bom parâmetro para a avaliação do dano estrutural nas porções encefálicas do trato corticoespinhal. Resumo em inglês Amyotrophic lateral sclerosis (ALS) is a neurodegenerative disease that affects the corticospinal tract. ALS functional rating scale (ALSFRS) is a questionnaire that quantifies motor deficits, while diffusion tensor imaging (DTI) evaluates the integrity of fibers through the fractional anisotropy (FA). In the present study, seven ALS patients were evaluated by ALSFRS and immediately submitted to DTI, getting FA values in the following regions: cerebral peduncle (PC), inte (mais) rnal capsule (CI) and the white matter under the primary motor cortex (M1), secondary motor cortex (M2) and somestetic cortex (SI). A control group was constituted by twelve healthy individuals. FA values in patients were significantly lower when compared with controls, with a tendency to higher reductions in the right hemisphere and more inferior regions. Interestingly, FA values were reduced in somestetic area. No correlation was observed between symptoms duration and FA values. Despite the correlation observed between ALSFRS scores and degeneration in PC and CI, our results suggest that this subjective scale is not a good parameter for the evaluation of the structural damage in encephalic portions of the corticospinal tract.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

68

Panencefalite subaguda esclerosante: estudo comparativo entre as lesões humanas e as experimentais determinadas por agente encefalitogênico de origem humana

Alencar, Alexandre; Monteiro, Estácio
1974-01-01

Resumo em português Neste trabalho estudamos as alterações histopatológicas encontradas no sistema nervoso central de dois pacientes com "panencefalite subaguda esclerosante" comparando-as com as modificações estruturais determinadas no sistema nervoso central de sete macacos rhesus nos quais este material foi inoculado. Os animais apresentaram sinais de comprometimento neurológico, traduzido por caquexia e paralisia do trem posterior, após um longo período de incubação, em torno d (mais) e 18 meses. Dois animais morreram antes de qualquer manifestação neurológica, de infecção pulmonar intercorrente acidental. Nas passagens sucessivas houve um encurtamento do periódo de incubação para cerca de 40 dias. As alterações histopatológicas encontradas, consistiram, nos casos humanos, em leptomeningite focal, focos de neuronofagia, granulomas corticais e nos núcleos basais, grande perda da população neuronal com ocasional estado esponjoso do córtice cerebral, infiltrados perivasculares, e gliose da substância branca, sem perda de mielina. No material experimental foram observadas estas mesmas modificações, se bem que de caráter muito menos intenso. Tanto no material humano como no experimental a mielina estava praticamente normal. Sugere-se que o quadro anátomo-clínico chamado "panencefalite subaguda esclerosante (SSPE) possa ser determinado, não apenas pelo vírus do sarampo, mas também por outros vírus, especialmente os do grupo papova, já encontrado por outros autores, em casos de "panencefalite subaguda esclerosante". Resumo em inglês The authors describes the histopathological changes found in the central nervous system of two patients with subacute sclerosing panencephalitis. These lesions are compared to those found in the central nervous system of seven rhesus monkeis that had received inoculations of nervous tissue from the two patients. After an incubation period of approximately 18 months, the monkeys presented signs of damage to the nervous system, characterized by paralysis of the hind limbs (mais) and cachexia. Two of the animals succumbed to intercurrent pulmonary infections, before presenting any neurological manifestations. The incubation period shortened progressively after repeated inoculations from one animal to another; attaining, finally, a period of approximately 40 days. The Histopathological changes found in the two patients consisted of focal leptomeningitis, areas of neuronophagias, granulomas in the cortex and basal nuclei, marked loss of nervous with areas of status spongiosus, perivascular infiltrates, and gliosia of the while matter with no destruction of the myelin sheaths. In the experimental animals the histopathological alterations were similar, but less intense. The authors believes that the clinical and anatomical syndrome of subacute sclerosing panencephalitis may be caused by the measles virus, by viruses of the papova group, and possibly by viruses of other groups as well.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

69

Meningoencefalites toxoplásmica e chagásica em pacientes com infecção pelo vírus da imunodeficiência humana: diagnóstico diferencial anatomopatológico e tomográfico/ Meningoencephalitis due to Toxoplasma gondii and Trypanosoma cruzi in patients with HIV infection. Diferencial diagnosis of pathologic and tomographic findings

Lazo, Javier E.; Meneses, Antônio Carlos Oliveira; Rocha, Ademir; Frenkel, Jack K.; Marquez, Jaime Olavo; Chapadeiro, Edmundo; Reis Lopes, Edison
1998-04-01

Resumo em português Em 22 pacientes com sorologia positiva para o vírus da imunodeficiência humana, com ou sem síndrome da imunodeficiência adquirida, dos quais 7 com meningoencefalite toxoplásmica e 15 com meningoencefalite chagásica associadas, procuraram-se dados diferenciais, entre as duas encefalopatias, tanto à anatomia patológica quanto à tomografia computadorizada do crânio. Os resultados observados e os dados da literatura nos permitiram concluir que enquanto na meningoenc (mais) efalite necrosante focal por Toxoplasma gondii o acometimento dos núcleos da base é freqüente, na meningoencefalite necrosante focal causada pelo Trypanosoma cruzi, lesões dessas estruturas parecem não ocorrer ou ser excepcionais. De outro lado, o acometimento da substância branca parece nitidamente maior na meningoencefalite chagásica que na meningoencefalite toxoplásmica, ao passo que o parasitismo e a hemorragia do tecido nervoso, bem como as lesões das bainhas de mielina são mais freqüentes e intensos na meningoencefalite causada pelo Trypanosoma cruzi que naquela por Toxoplasma. Resumo em inglês Twenty-two HIV+ patients with encephalitis were studied. Of these, 7 had meningoencephalitis due to Toxoplasma gondii (MT) and 15 due to Trypanosoma cruzi (MC). Pathologic and computerized axial tomography (CAT) changes were compared. We found that focal necrotizing encephalitis due to Toxoplasma involved the cerebral cortex and the basal ganglia, whereas lesions due to Trypanosoma cruzi were centered in the white matter, sometimes extending into the cortex. Hemorrhages, (mais) myelin lesions and organisms were more pronounced in chagasic than in toxoplasmic encephalitis. These findings are consistent with the literature reviewed.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

70

Espectroscopia por ressonância magnética de prótons em epilepsia mioclônica juvenil sugere o comprometimento de uma rede neuronal específica/ Proton magnetic resonance spectroscopy study of juvenile myoclonic epilepsy patients suggests involvement of a specific neuronal network

Lin, K.; Carrete Junior, H.; Lin, J.; Peruchi, M.M.; Araújo Filho, G.M.; Pascalicchio, T.F.; Guaranha, M.B.; Guilhoto, L.M.F.F.; Yacubian, E.M.T.
2008-09-01

Resumo em inglês OBJECTIVES: The neuroanatomical basis and the neurochemical abnormalities that underlay juvenile myoclonic epilepsy (JME) are not fully defined. While the thalamus plays a central role in synchronization of widespread regions of the cerebral cortex during a seizure, emerging evidence suggests that all cortical neurons may not be homogeneously involved. The purpose of this study was to investigate the cerebral metabolic differences between patients with JME and normal cont (mais) rols. METHODS: All patients had a JME diagnosis based on seizure history and semiology, EEG recording, normal magnetic resonance neuroimaging (MRI) and video-EEG. Forty JME patients (JME-P) were submitted to 1.5 T MRI proton spectroscopy (1H-MRS), multi-voxel with PRESS sequence (TR/TE = 1500/30 ms) over the following locations: prefrontal cortex (PC), frontal cortex (FC), thalamus, basal nuclei, posterior cingulate gyrus (PCG), insular, parietal and occipital cortices. We determined ratios for integral values of N-acetyl aspartate (NAA) and glutamine-glutamate (GLX) over creatine-phosphocreatine (Cr). The control group (CTL) consisted of 20 age and sex-matched healthy volunteers. RESULTS: Group analysis demonstrated a tendency for lower NAA/Cr ratio of JME-P compared to CTL predominantly on FC, PC, thalamus and occipital cortex. When compared to CTL, JME-P had a statistically significant difference in GLX/Cr on FC, PC, insula, basal nuclei, PCG and on thalamus. When evaluating the relationship among the various components of this epileptic network among JME-P, the strongest correlation occurred between thalamus and PC. Also, we found a significant negative correlation between NAA/Cr and duration of epilepsy. CONCLUSION: Reductions in NAA may represent loss or injury of neurons and/or axons, as well as metabolic dysfunction while glutamate is considered to be an excitatory neurotransmitter in the brain which is involved in the pathogenesis of epileptogenic seizures.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

71

Entropia espectral: um novo método para adequação anestésica/ Spectral entropy: a new method for anesthetic adequacy/ Entropia espectral: un nuevo método para adecuación anestésica

Nunes, Rogean Rodrigues; Almeida, Murilo Pereira de; Sleigh, James Wallace
2004-06-01

Resumo em português JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: O uso de sinais clínicos para avaliar a adequação da anestesia, embora empregado universalmente, não são confiáveis. Vários equipamentos surgiram objetivando o melhor manuseio intra-operatório das drogas anestésicas, alguns deles mensurando diretamente a atividade cortical cerebral (hipnose). Entretanto, nenhum deles apresenta características diretas de avaliação da atividade sub-cortical (resposta motora). CONTEÚDO: A entropia espe (mais) ctral mensura a irregularidade, complexidade ou a quantidade de desordem do eletroencefalograma e tem sido sugerida como um indicador do estado anestésico. O sinal é coletado na região fronto-temporal e tratado através da equação de Shannon (H = - Sp k log p k, onde p k são as probabilidades de um evento discreto k), resultando em dois tipos de análises: 1. Entropia de estado (SE), que consiste na avaliação da atividade elétrica cortical cerebral (0,8-32Hz) e 2. Entropia de resposta (RE), que analisa as freqüências de 0,8 - 47Hz (contêm componentes eletroencefalográficos-cortical e eletromiográficos-sub-cortical). CONCLUSÕES: A ativação da musculatura frontal pode indicar inadequação do componente sub-cortical (nocicepção). Esta ativação é observada como um "gap" entre SE e RE. Deste modo, é possível avaliar diretamente tanto o componente cortical (SE), como o sub-cortical (RE), possibilitando melhor adequação dos componentes anestésicos. Resumo em espanhol JUSTIFICATIVA Y OBJETIVOS: El uso de señales clínicos para evaluar la adecuación de la anestesia, aun cuando utilizada universalmente, no son confiables. Varios equipamientos surgieron objetivando el mejor manoseo intra-operatorio de las drogas anestésicas, algunos de ellos mensurando directamente la actividad cortical cerebral (hipnosis). Entretanto, ninguno de ellos presenta características directas de evaluación de la actividad sub-cortical (respuesta motora). CO (mais) NTENIDO: La entropia espectral mensura la irregularidad, complejidad o la cantidad de desorden del electroencefalograma y ha sido sugerida como un indicador del estado anestésico. El señal es colectado en la región fronto-temporal y tratado a través de la ecuación de Shannon (H = - Sp k log p k, donde p k son las probabilidades de un evento discreto k), resultando en dos tipos de análisis: 1. Entropia de estado (SE), que consiste en la evaluación de la actividad eléctrica cortical cerebral (0,8-32Hz) y 2. Entropia de respuesta (RE), que analiza las frecuencias de 0,8-47Hz (contiene componentes electroence- falográficos-cortical y electromiográficos-sub-cortical). CONCLUSIONES: La activación de la musculatura frontal puede indicar inadecuación del componente sub-cortical (nocicepción). Esta activación es observada como un "gap" entre SE y RE. De este modo, es posible evaluar directamente tanto el componente cortical (SE), como el sub-cortical (RE), posibilitando mejor adecuación de los componentes anestésicos. Resumo em inglês BACKGROUND AND OBJECTIVES: Though universally employed, clinical signs to evaluate anesthetic adequacy are not reliable. Over the past years several pieces of equipment have been devised to improve intraoperative handling of anesthetic drugs, some of them directly measuring cerebral cortical activity (hypnosis). None of them, however, has offered the possibility of directly evaluating sub-cortical activity (motor response). CONTENTS: Spectral entropy measures irregularity (mais) , complexity or amount of EEG disorders and has been proposed as indicator of anesthetic depth. Signal is collected from the fronto-temporal region and processed according to Shannon's equation (H = - Sp k log p k, where p k represents the probability of a discrete k event), resulting in two types of analyses: 1) state entropy (SE), which evaluates cerebral cortex electrical activity (0.8 - 32Hz) and 2) response entropy (RE), containing both subcortical electromyographic and cortical electroence- phalographic components and analyzes frequencies in the range 0.8 - 47Hz. CONCLUSIONS: Frontal muscles activation may indicate inadequacy of the subcortical component (nociception). Such activation appears as a gap between SE and RE. This, it is possible to directly evaluate both cortical (SE) and subcortical (RE) components providing better anesthetic adequacy.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

72

Efeitos de baixas doses de radiação-X no desenvolvimento do sistema nervoso central: estudo experimental em ratos/ Effects of low X-radiation doses on the central nervous system development: an experimental study in rats

Lins, Liliane; Gomes, Laís; Gomes, Lis; Trindade, Marcele; Dias, Leonardo; Bragança, Ricardo; Pimentel, Rodrigo
2008-02-01

Resumo em português OBJETIVO: Este trabalho analisa as conseqüências da irradiação-X no desenvolvimento do sistema nervoso de fetos de ratos. MATERIAIS E MÉTODOS: O trabalho foi constituído de 10 Rattus norvegicus albinos, Wistar, fêmeas, grávidas, com idade de oito semanas. Cinco ratas fêmeas constituíram o grupo controle e outras cinco tiveram suas regiões abdominais expostas por 30 segundos a uma dose de 0,3 Gy proveniente de um aparelho odontológico Gnatus de 70 kV e 10 mA. N (mais) o 17º dia gestacional, ambos os grupos foram submetidos a histerectomia. As seções selecionadas foram examinadas para análise cerebral comparativa entre os grupos. RESULTADOS: O exame clínico revelou não haver diferenças morfológicas entre os grupos controle e experimental e nenhum dos animais apresentou anormalidades grosseiras. Vinte e sete por cento dos animais do grupo experimental apresentaram hemorragia cerebral moderada e 73% apresentaram hemorragia severa e danos no tecido nervoso. Nenhum animal do grupo controle apresentou hemorragia cerebral ou danificações de tecido nervoso. CONCLUSÃO: Estas evidências demonstram que pequenas doses de radiação-X podem causar hemorragias cerebrais e, conseqüentemente, lesão tecidual nervosa. Resumo em inglês OBJECTIVE: The present study analyzes the consequences of X-irradiation for the development of the nervous system of rat fetuses. MATERIALS AND METHODS: The sample included ten eight-week-old, pregnant Rattus norvegicus albinus, Wistar. Five female rats constituted the control group and other five had their abdominal region exposed for 30 seconds to a single 0.3 Gy radiation dose from a 70 kV, 10 mA Gnatus odontological apparatus. At the 17th gestational day both groups w (mais) ere submitted to hysterectomy. Selected sections were examined for comparative brain analysis of both groups. RESULTS: The clinical evaluation demonstrated no morphological difference between the control and the experimental groups. Twenty-seven percent of the animals in the experimental group presented mild brain hemorrhage, while 73% of the animals had severe cerebral cortex hemorrhage and nervous tissue damage. None of the animals in the control group presented cerebral hemorrhage or nervous tissue damage. CONCLUSION: These evidences demonstrate that low X-radiation doses may cause brain hemorrhage and, consequently, nervous tissue damage.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

73

Disfunção pré-frontoparietal durante o processamento de informação visuoauditiva em pacientes idosos com esquizofrenia crônica e efeitos da medicação/ Parieto-prefrontal dysfunction during visuo-auditory information processing in elderly, chronic schizophrenic patients and medication effects

Schmitt, Andrea; Otto, Sylvia; Jatzko, Alexander; Ruf, Matthias; Demirakca, Traute; Tost, HeiKe; Gruber, Oliver; Parlapani, Eleni; Falkai, Peter; Braus, Dieter F.
2009-01-01

Resumo em português OBJETIVOS: Em pacientes com primeiro episódio de esquizofrenia, estudos com ressonância magnética funcional (RMf) têm demonstrado disfunção pré-frontoparietal durante estimulação acústica e visual. O objetivo do presente estudo foi investigar a rede pré-frontoparietal em pacientes idosos com esquizofrenia utilizando o mesmo paradigma. Adicionalmente, foram presumidos efeitos favoráveis na ativação cerebral pelo antipsicótico atípico clozapina em comparaç� (mais) �o a neurolépticos típicos. MÉTODOS: Foram investigados 18 pacientes com esquizofrenia crônica e 21 controles saudáveis idosos. Nove pacientes com esquizofrenia haviam sido medicados com clozapina e nove haviam recebido neurolépticos típicos por décadas. Concomitantemente às avaliações com escalas psicopatológicas e neuropsicológicas foi utilizado um paradigma de estimulação auditiva e visual em um aparelho de ressonância magnética de 1,5 Tesla para investigar a resposta BOLD em diferentes áreas cerebrais. RESULTADOS: Comparados a controles saudáveis, os pacientes com esquizofrenia apresentaram diminuição na ativação cerebral nos córtices pré-frontal e parietal, assim como no giro do cíngulo anterior medial. Nessas regiões, os pacientes medicados com clozapina apresentaram resposta BOLD aumentada em comparação aos pacientes tratados com neurolépticos típicos. DISCUSSÃO: O presente estudo confirmou a presença de distúrbios na rede pré-frontoparietal em pacientes idosos com esquizofrenia, apontando assim para a preservação de déficits de ativação cerebrais e a influência de distúrbios do desenvolvimento neural em esquizofrenia crônica até a velhice. CONCLUSÃO: O antipsicótico atípico clozapina parece facilitar a ativação de áreas cerebrais mesmo em pacientes idosos com esquizofrenia crônica. Resumo em inglês OBJECTIVES: In first-episode schizophrenia patients, functional magnetic resonance imaging (fMRI) has shown prefronto-parietal dysfunction during acoustic and visual stimulation. The aim of this study was to investigate the prefronto-parietal network in elderly schizophrenia patients using the same paradigm. Additionally, we hypothesized favourable effects on brain activation by the atypical antipsychotic clozapine compared to typical neuroleptics. METHODS: We investigate (mais) d 18 elderly, chronic schizophrenia patients and 21 elderly healthy controls. Nine schizophrenia patients had been medicated with clozapine and 9 had been receiving typical neuroleptics over decades. In addition to assessments with psychopathological and neuropsychological rating scales we used an acoustic and visual stimulation paradigm in a 1.5 Tesla MRI scanner to investigate BOLD-response in different brain areas. RESULTS: Compared to healthy controls schizophrenia patients showed decreased brain activation in the prefrontal and parietal cortex as well as medial anterior cingulate gyrus compared to healthy controls. In these regions, patients medicated with clozapine showed increased BOLD-response compared to patients treated with typical neuroleptics. DISCUSSION: Our study confirmed prefronto-parietal network disturbances in elderly schizophrenia patients thus pointing to the preservation of brain activation deficits and the influence of neurodevelopmental disturbances in chronic schizophrenia until old-age. CONCLUSION: The atypical antipsychotic clozapine seems to facilitate brain activation even in elderly, chronic schizophrenia patients.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

75

Alterações patológicas em potros infectados por Actinobacillus equuli subsp. haemolyticus/ Pathological changes in foals infected with Actinobacillus equuli subsp. haemolyticus

Gomes, Danilo Carloto; Pavarini, Saulo Petinatti; Pedroso, Pedro Miguel Ocampos; Ferreira, Hugo Henrique; Watanabe, Tatiane Terumi Negrão; Gomes, Marcos José Pereira; Driemeier, David
2010-06-01

Resumo em português Neste trabalho, são descritos dois casos fatais de septicemia com lesões embólicas causadas por Actinobacillus equuli subsp. haemolyticus em potros recém-nascidos. Em um dos animais, foram observados, na necropsia, pequenos nódulos esbranquiçados de aproximadamente 0,2cm de diâmetro na cortical dos rins e no outro havia uma área de coloração acinzentada no lobo diafragmático esquerdo do pulmão. As principais alterações microscópicas observadas no primeiro a (mais) nimal foram rins com infiltrado inflamatório multifocal a coalescente acentuado, com predomínio de neutrófilos, associado com áreas basofílicas levemente granulares compostas por grumos bacterianos. No segundo animal, o pulmão apresentava infiltrado inflamatório neutrofílico, edema, congestão e colônias bacterianas intravasculares. Em ambos os casos, colônias bacterianas foram encontradas disseminadas por vários órgãos incluindo capilares cerebrais. Nos dois casos foi isolado e identificado A. equuli subsp. haemolyticus. Resumo em inglês This paper describes two fatal cases of embolic and septicaemic lesions caused by Actinobacillus equuli subsp. haemolyticus in two newborn foals. In one foal was observed at necropsy small whitish nodules of approximately 0,2cm in diameter on the renal cortex and the other foal had an area of gray color in the left diaphragmatic lobe of the lung. The main histologic changes were observed in the first foal kidneys with multifocal to coalescing inflammatory suppurative infi (mais) ltrates associated with slightly granular basophilic bacterial colonies. In the second animal the lung showed neutrophilic inflammatory infiltrate, edema, congestion and presence of intravascular bacterial colonies. In both cases, the bacteria were disseminated by several organs including cerebral capillary cerebral. In both cases A. equuli subsp. haemolyticus was isolated and identified.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)