Sample records for copaifera
from WorldWideScience.org

Sample records 1 - 20 shown. Select sample records:



1

O gênero copaifera L./ The Copaifera L. genus

Veiga Junior, Valdir F.; Pinto, Angelo C.
2002-05-01

Resumo em inglês This review details the history, chemistry and pharmacology of the Copaifera L. genus (Leguminosae - Caesalpinoideae), including copaiba oils.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

2

Biologia reprodutiva de Copaifera langsdorffii Desf. (Leguminosae, Caesalpinioideae)/ Reproductive biology of Copaifera langsdorffii Desf. (Leguminosae, Caesalpinioideae/ Biologia reprodutiva de Copaifera langsdorffii Desf. (Leguminosae, Caesalpinioideae

FREITAS, CRISTIANE V.; OLIVEIRA, PAULO E.
2002-09-01

Resumo em português Copaifera langsdorffii Desf. é uma espécie da família Leguminosae, subfamília Caesalpinioideae, de ampla distribuição no Brasil. O estudo da biologia reprodutiva desta espécie foi realizado numa área de cerradão aberto para pastagem da Fazenda Capim Branco, Uberlândia, MG. A espécie floresce durante o período das chuvas e dispersa suas sementes na época seca. As flores são branco-esverdeadas, com cerca de 0,5 cm de diâmetro, fracamente zigomorfas e estão r (mais) eunidas em inflorescência paniculada. Apresentam um forte odor adocicado e duram apenas um dia. A antese inicia-se por volta das 5:00 h. Os recursos oferecidos aos visitantes são pólen e néctar. Produzem pouco néctar (0,2 ml) com concentração média de 49% de equivalentes de sacarose. Os visitantes mais freqüentes foram as abelhas Apis mellifera, Scaptotrigona cf. depiles e Trigona spinipes. Os resultados das polinizações manuais e o índice de incompatibilidade (ISI) indicam que a espécie é auto-incompatível e não apomítica. No entanto, foram observados tubos polínicos crescendo até o ovário e penetrando os óvulos em flores autopolinizadas, sugerindo a ocorrência de fenômenos de auto-esterilidade de ação tardia ou depressão endogâmica. A baixa produção de frutos está relacionada à pequena conversão de flores em frutos e também à predação dos frutos. Resumo em inglês A survey on the phenology and reproductive biology of Copaifera langsdorffii Desf. was carried out in a cerradão area at Fazenda Capim Branco, Uberlândia, MG. Flowering occurs during the rain season and seed dispersal during the dry season. Flowers are pale-green, 0.5 cm in diameter, weakly zigomorphic and organized in paniculate inflorescences. They are highly odoriferous, one-day flowers. Anthesis begins at about 5:00 h. The nectar production is very small (0.2 ml) wi (mais) th 49% of sucrose equivalents. The most frequent flower visitors and pollinators were Apis mellifera, Scaptotrigona cf. depiles and Trigona spinipes bees. Controlled hand-pollinations showed that the species is mostly self-sterile and non-apomictic. However, pollen tubes were observed growing down to the ovary and penetrating the ovules in self-pollinated pistils, a fact which suggests late-acting self-sterility phenomena or inbreeding depression. Fruit-set was always low and related to low flower to fruit conversion, may be due to inefficient pollination and fruit predation.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

3

Fenologia da copaíba (Copaifera langsdorffii Desf. -- Leguminosae, Caesalpinioideae) em uma floresta semidecídua no sudeste do Brasil/ Phenology of copaíba (Copaifera langsdorffii Desf. -- Leguminosae, Caesalpinioideae) in a semideciduous forest, southeastern Brazil

PEDRONI, FERNANDO; SANCHEZ, MARYLAND; SANTOS, FLAVIO A.M.
2002-06-01

Resumo em português A fenologia da emissão foliar, floração e frutificação para espécies de florestas tropicais é pouco conhecida, embora estes ecossistemas apresentem grande diversidade de padrões fenológicos. Foi estudada, de fevereiro de 1991 a abril de 1993, a fenologia da copaíba (Copaifera langsdorffii Desf.) na Reserva de Santa Genebra. Foram feitas observações em 36 indivíduos e analisadas queda de folhas, brotamento, floração e frutificação. A queda de folhas e o br (mais) otamento foram as fenofases mais sincronizadas dentro da população. Estes eventos ocorreram no final da estação seca (queda de folhas) e início da estação chuvosa (brotamento) e foram relacionados principalmente com a precipitação. A floração ocorreu na estação chuvosa e a frutificação na estação seca. A frutificação ocorreu em ciclos supra-anuais, com anos de produção intensa seguidos de anos sem frutificação. Além dos fatores climáticos, as interações com dispersores e predadores de sementes também parecem influenciar o padrão de frutificação observado em Copaifera langsdorffii. Resumo em inglês Plant phenology is concerned with the timing of recurring events, and is poorly known for tropical forest species, although this ecosystem has the greatest diversity of phenological patterns. A phenological study was carried out from February/1991 to April/1993. Thirty six trees were systematically observed biweekly for changes on leaf fall, leaf flushing, flowering and fruiting. Leaf fall and flushing were synchronized phases. These events always occurred at the end of d (mais) ry season (leaf fall) and start of rainy season (leaf flushing) being clearly related with precipitation. The flowering occurred in the rainy season, and fruiting during the dry season. Fruiting did not show an annual cycle, but years which massive fruiting being followed by non productive years. Other non climatic factors, like seed dispersers and seed predators were also likely to affect fruiting.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

4

Influência do óleo de Copaifera langsdorffii no reparo de ferida cirúrgica em presença de corpo estranho/ Influence of Copaifera langsdorffii oil on the repair of a surgical wound in the presence of foreign body

Vieira, Rafael C.; Bombardiere, Ethiane; Oliveira, Julierme J.; Lino-Júnior, Ruy S.; Brito, Luiz A.B.; Junqueira-Kipnis, Ana P.
2008-08-01

Resumo em português A Copaifera langsdorffii é uma leguminosa nativa do Brasil, da qual pode ser extraído um óleo, popularmente conhecido como óleo de copaíba. Este óleo é amplamente utilizado para tratamento de feridas cutâneas por ser reconhecido como antiinflamatório e cicatrizante. Apesar disso, poucas comprovações científicas do verdadeiro efeito terapêutico desta planta medicinal foram produzidas. O objetivo desse trabalho foi avaliar o efeito do tratamento tópico com C. (mais) langsdorffii no processo de reparo quando um corpo estranho é o indutor da inflamação. Para isso, 60 camundongos da linhagem BALB/c foram submetidos à incisão cirúrgica linear de 1cm no dorso para realizar o implante de uma lamínula de vidro com 12mm de diâmetro no tecido subcutâneo. Quatro tratamentos para a ferida foram estabelecidos: controle (C) tratado com solução salina estéril, controle veículo (CV) tratado com óleo mineral estéril, tratamento 1 (T1) tratado com diluição (v:v) de óleo mineral estéril e óleo de C. langsdorffii, tratamento 2 (T2) tratado com óleo de C. langsdorffii puro. As avaliações foram realizadas em períodos de tempo pré-determinados (1, 3, 5, 7 e 14 dias). Era possível perceber características da fase proliferativa como a reepitelização, a presença de fibroblastos e a neovascularização, porém os grupos tratados com o óleo (T1 e T2) não apresentavam reepitelização aos três dias. Esses grupos aos 5 e 7 dias apresentavam no exame macroscópico maior intensidade de edema, hiperemia e permanência de crostas. Na microscopia, a reepitelização ainda não estava completa e a crosta era serocelular. Nos grupos C e CV, apesar de discreta, era predominante a presença de mononucleares, enquanto nos grupos T1 e T2 o infiltrado inflamatório era misto e com maior intensidade que nos outros grupos. Quatorze dias depois da incisão cirúrgica, os aspectos macroscópicos dos grupos C e CV eram semelhantes e os grupos T1 e T2, apesar de a ferida estar completamente fechada e sem crostas, a pele desses animais estava espessada e na derme do grupo T2 parecia ter fibrose mais acentuada do que nos outros grupos. Esses resultados demonstraram que o tratamento tópico com óleo de C. langsdorffii prejudicou o processo de reparação normal de ferida na presença de corpo estranho. Resumo em inglês Copaifera langsdorffii is a Brazilian native leguminosae that produce resin-oil, popularly known as copaíba oil. This oil is used for the treatment of skin wound due to its recognized antiinflammatory and wound healing effects. Despite, its popular use, there are few published data about the therapeutic effect of this medicinal plant. The aim of the study was to evaluate the topic treatment effect of the Copaíba oil on the process of skin repair inflammation induced by (mais) a foreign body subcutanously implanted. Sixty BALB/c mice were submitted to a 1cm linear incision and a 12mm circle coverslip was subcutaneously implanted. Four treatments groups were established: control, sterile saline (C); vehicle control, sterile mineral oil, (VC); treatment 1 (T1), mineral oil plus copaiba oil (V/V), and treatment 2 (T2) copaiba oil. The evaluations were performed at pre-determined time points (1, 3, 5, 7 and 14 days). It was possible to find fibroblasts, epithelial cells proliferation, re-epithelization and newly formed blood vessels in all groups, however, all oil treated groups (T1 and T2) did not present re-epithelization at three days post surgical incision. On days 5 and 7, a higher intensity of edema and hyperemia on the groups T1 and T2 was observed, besides that, the T1 and T2 groups presented a serous cellular scab on the wounds that was absent on the C and VC groups. The inflammatory reactions among the groups C and VC showed more mononuclear cells than the T1 and T2 groups that presented a mixed cell patter composed from both mono and polymorphonuclear cells. Although the surgical wounds were re-epithelizaded, in the groups T1 and T2, they were covered by a serous cellular crust and the dermis tissue still presented an intense mononuclear cell inflammatory focus. Fourteen days after of the surgical incision, the gross aspects on groups C and VC were similar and on groups T1 and T2, despite wound to be completely closed and without crusts, the skin those animals was thickened. Furthermore, the dermis on group T2 presented moderate fibrosis, while the other groups presented slightly ones. The results demonstrated that topical treatment with C. langsdorffii oil debilitated the normal process of a wound repair in the presence of a foreign body.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

5

Estrutura genética populacional de Copaifera langsdorffii Desf. (Leguminosae - Caesalpinioideae) em fragmentos florestais no Pontal do Paranapanema, SP, Brasil/ Population genetic structure of Copaifera langsdorffii Desf. (Leguminosae - Caesalpinioideae) in forest fragments in " Pontal do Paranapanema" , SP, Brazil

Martins, Karina; Santos, João Dagoberto dos; Gaiotto, Fernanda Amato; Moreno, Maria Andréia; Kageyama, Paulo Yoshio
2008-03-01

Resumo em português O Pontal do Paranapanema é a região mais recentemente desflorestada do Estado de São Paulo. Os efeitos da fragmentação florestal na estrutura genética de Copaifera langsdorffii Desf. foram avaliados por meio da genotipagem, com seis locos microssatélites, de pelo menos 30 indivíduos regenerantes e 30 adultos em três áreas do Pontal do Paranapanema. A amostragem compreendeu dois fragmentos localizados em assentamentos rurais, Tucano (800 ha) e Madre Cristina (300 (mais) ha); e uma população localizada em floresta contínua, no Parque Estadual do Morro do Diabo (35.000 ha). Níveis elevados de diversidade genética foram detectados tanto nos regenerantes como nos adultos. A diversidade gênica (He) variou de 0,718 a 0,835 e o número médio de alelos por loco (Â) variou de 8,67 a 11,83, mostrando que a fragmentação ainda não causou perda de alelos. As estimativas elevadas dos índices de fixação (0,183 a 0,387) foram conseqüentes da ocorrência de alelos nulos em alguns locos e de endogamia nas populações. A divergência genética foi pequena entre os adultos (R ST = 0,035), mas aumentou entre os regenerantes (R ST = 0,075). Como esperado, a fragmentação florestal está causando redução do fluxo gênico interpopulacional, especialmente em relação ao fragmento mais distante da floresta contínua (Tucano - cerca de 8 km). Uma alternativa para promover o fluxo gênico entre os remanescentes florestais do Pontal do Paranapanema seria o estabelecimento de sistemas agroflorestais pelos agricultores assentados, os quais atuariam como trampolins ecológicos, favorecendo a dispersão de pólen e sementes entre fragmentos. Resumo em inglês The " Pontal do Paranapanema" is the most recently deforested region of the state of São Paulo in Brazil. The effects of forest fragmentation on the population genetic structure of Copaifera langsdorffii Desf. were evaluated by genotyping with six microsatellite loci at least 30 adult and 30 sapling individuals of three populations in " Pontal do Paranapanema" . The sampling areas comprised two fragments located in the rural settlements Tucano (800 ha) and Madre Cristina (mais) (300 ha); and one population located in a continuous forest, the " Parque Estadual do Morro do Diabo" (35,000 ha). High levels of genetic diversity were detected in saplings and adults, gene diversity (He) ranged from 0.718 to 0.835 and average number of alleles per locus (Â) ranged from 8.67 to 11.83, showing that the fragmentation has not caused loss of alleles yet. The high estimated fixation indexes (from 0.183 to 0.387) are due to null alleles in some loci and the occurrence of inbreeding within populations. Genetic divergence was low among adults (R ST = 0.035) but increased among saplings (R ST = 0.075). As expected, forest fragmentation has caused a decrease in gene flow among the populations, especially between the most distant fragment (Tucano - about 8 km from the " Parque Estadual do Morro do Diabo" ). An alternative to promote gene flow among forest fragments of " Pontal do Paranapanema" would be the settle of agroforests, which would act as stepping-stones, favouring pollen and seed dispersion among fragments.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

6

Anatomia comparada do lenho de Copaifera langsdorffii Desf. (Leguminosae-Caesalpinoideae) de floresta e cerradão/ Comparative wood anatomy of Copaifera langsdorffii Desf. (Leguminosae-Caesalpinoideae) in forest and "cerradão"

MARCATI, CARMEN REGINA; ANGYALOSSY-ALFONSO, VERONICA; BENETATI, LUCIMAR
2001-09-01

Resumo em português O presente estudo compara a estrutura do lenho de uma espécie arbórea (Copaifera langsdorffii Desf.) que ocorre em floresta mesófila semidecídua e em cerradão. Objetivou-se verificar diferenças estruturais qualitativas e quantitativas nos espécimes em relação aos dois ecossistemas. A análise estatística revelou um maior diâmetro tangencial dos vasos nos espécimes do cerradão e um maior diâmetro tangencial das pontoações intervasculares nos espécimes da f (mais) loresta, ambos ao nível de 0,05. Fibras gelatinosas foram encontradas em maior quantidade nos espécimes do cerradão quando comparadas com os espécimes da floresta. A presença de um parênquima marginal que se subdivide e algumas faixas parenquimáticas que não apresentam canais axiais são pela primeira vez mencionadas em Copaifera langsdorfii. Resumo em inglês The present study compares qualitative and quantitative characters of the wood of a tree species (Copaifera langsdorffii Desf.-Leguminosae-Caesalpinoideae) from semideciduous mesophytic forest and "cerradão". Analysis revealed vessels with significantly larger diameter in trees from "cerradão" and intervascular pits being significantly larger in trees from forest. In contrast to the trees from the forest, gelatinous fibers, which have a special layer innermost of the wa (mais) ll, were found in great quantity in trees from "cerradão". Furthermore, the presence of subdivided marginal parenchyma and the absence of axial canals in some of the parenchyma bands are for the first time mentioned for this species.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

7

Taxa de cruzamento e sistema reprodutivo de uma população natural de Copaifera langsdorffii Desf. na região de Lavras (MG) por meio de isoenzimas/ Outcrossing rate and mating system of a natural population of Copaifera langsdorffii Desf. in the region of Lavras, MG, starting from isozyme/ Taxa de cruzamento e sistema reprodutivo de uma população natural de Copaifera langsdorffii Desf. na região de Lavras, MG, por meio de isoenzimas

OLIVEIRA, ALESSANDRO F.; CARVALHO, DULCINÉIA DE; ROSADO, SEBASTIÃO C.S.
2002-09-01

Resumo em português Uma população natural de Copaifera langsdorffii Desf., espécie arbórea comumente encontrada no Brasil, foi estudada por meio da eletroforese de isoenzimas, visando determinar a taxa de cruzamento e o sistema reprodutivo. A população amostrada localiza-se ao longo de um trecho do rio Capivari, em uma área de preservação permanente (floresta ciliar), entre os municípios de Lavras e Itumirim, sul do Estado de Minas Gerais, Brasil. Foram amostrados tecidos foliares (mais) de 20 indivíduos adultos da população e 400 indivíduos jovens (progênies) procedentes de sementes coletadas de 20 matrizes na população. Cinco sistemas enzimáticos revelaram 24 e 29 alelos totais para os indivíduos adultos e progênies, distribuídos em 12 locos. O sistema reprodutivo desta população foi inicialmente abordado pelo teste de Equilíbrio de Hard-Weinberg (EHW), tendo-se verificado que a maioria dos locos dos indivíduos adultos encontra-se nas proporções do EHW e a maioria dos locos das progênies encontra-se fora do EHW. A estimativa da taxa de cruzamento multilocos (t m) e unilocos (t s) média foi, respectivamente 0,917 e 0,877 indicando a existência de autofecundação (8%) na população estudada. Os resultados obtidos indicaram também que a espécie Copaifera langsdorffii é de reprodução mista predominantemente alógama. A população estudada mostrou-se potencial para fins de conservação in situ. A área mínima estimada para conservação in situ foi de 5,0 hectares. Resumo em inglês A natural population of the tree species Copaifera langsdorffii Desf., commonly found in Brazil, was investigated by isozyme electrophoresis, aiming to determine the outcrossing rate and mating system. The population sampled is located along a stretch of the river Capivari in an area of preservation (Riparian Forest), between the towns of Lavras and Itumirim, south of Minas Gerais State, Brazil. Samples of leaf tissue were taken from 20 adult individuals and from 400 prog (mais) enies for isozyme analysis. Five enzymatic systems were evaluated in adults (24 alleles average) and progenies (29 total alleles). The mating system of this population was approached by the Hardy-Weinberg equilibrium test (HWE) where it was found that most loci of the adult individuals is in the ratios of the HWE and most loci of the progenies is out of the it. The estimate of the average multilocus (t m) and unilocus outcrossing rate (t s) was respectively 0.917 and 0.877, pointing out the existence of self-fertilization (8%) in the population studied. The results obtained by isozymes analyses indicated also that the species Copaifera langsdorffii is predominantly alogamous. The population has relatively high genetic variation making this population of C. langsdorffii a valuable source for genetic conservation. The minimum area size estimated for the in situ conservation was 5.0 ha.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

8

Diversidade genética, endogamia e fluxo gênico em pequena população fragmentada de Copaifera langsdorffii/ Genetic diversity, inbreeding and gene flow in a small fragmented population of Copaifera langsdorffii

Carvalho, Ana Cristina Magalhães de; Freitas, Miguel Luiz Menezes; Moraes, Selma Maria Bozite de; Moraes, Mário Luiz Teixeira de; Stranghetti, Valéria; Alzate-Marin, Ana Lilia; Sebbenn, Alexandre Magno
2010-12-01

Resumo em português O objetivo deste trabalho foi investigar a taxa de imigração e a distância de dispersão de pólen e sementes em uma pequena população fragmentada de Copaifera langsdorffii Desf., com base no polimorfismo de oito locos microssatélites. Foram mapeadas e genotipadas todas as 47 árvores adultas e 65 subadultas existentes no fragmento. Adultos tinham um total número menor de alelos (142) do que subadultos (164), sendo 20 alelos exclusivos aos adultos e 41 aos subadult (mais) os. Adultos tinham significativamente menor diversidade genética e maior endogamia (Â = 17,75 ± 0,51; Âe = 8,97 ± 0,27; ^F = 0,191 ± 0,017) do que subadultos (Â = 20,5 ± 0,65; Âe = 10,86 ± 0,29; ^F = 0,119 ± 0,013). O poder de exclusão do primeiro parente foi alto para o conjunto de locos nos adultos (P1º Parente = 0,9994), mostrando que estes oito locos microssatélites têm alto poder de resolver testes de parentescos. Dos 65 subadultos, foi encontrado o parental materno para 12 e o materno e paterno para apenas dois indivíduos, o que indica uma taxa de imigração de sementes e pólen na população de 81% (m sementes) e 97% (m pólen), respectivamente. Estes resultados sugerem uma alta taxa de fluxo gênico no passado. A distância média de dispersão de sementes foi de 38,4 m. Os resultados evidenciam que a população apresenta altos níveis de diversidade genética, devido a uma intensa taxa de imigração de sementes e pólen. Resumo em inglês The aim of this work was to study the seed and pollen immigration rate and dispersal distance in a Copaifera langsdorffii Desf. small population fragment, based on the polymorphism at eight microsatellite loci. All 47 adult trees and 65 subadults found in the fragment were mapped and genotyped. Adults had a lower total number of alleles per locus (142) than subadults (164). A total of 20 alleles were exclusive to adults and 41 to subadults. Adults had significantly lower (mais) genetic diversity and higher inbreeding (Â = 17.75 ± 0.51; Âe = 8.97 ± 0.27; ^F = 0.191 ± 0.017) than subadults (Â = 20.5 ± 0.65; Âe = 10.86 ± 0.29; ^F = 0.119 ± 0.013). The probability of exclusion of the first parent overall loci was high (P1º Parente = 0.9994), showing that the eight microsatellite loci have high power to resolve paternity tests. From the 65 subadults, the maternal parent could be identified for 12 and both maternal and paternal parents for only two individuals, indicating a pollen and seed immigration of 81% (m sementes) and 97% (m pólen), respectively. These results evidenced a high rate of gene flow in the past. The mean distance of seed dispersal was 38.4 m, and nearly 58% of seeds were dispersed up to 30 m. The results evidence that the population present high levels of genetic diversity, due to high seed and pollen immigration that occurred in the past.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

9

Constituintes das sementes de Copaifera officinalis L./ Constituents from Copaifera officinalis L. seeds

Veiga Junior, Valdir F.; Andrade Junior, Martinho A.; Ferraz, Isolde D. K.; Christo, Herick B.; Pinto, Angelo C.
2007-01-01

Resumo em português O gênero Copaifera L. é um dos mais importantes economicamente na Região Amazônica devido, principalmente, à produção dos óleos de copaíba, oléo-resinas com diversas propriedades farmacológicas confirmadas. Apesar disso, os estudos fitoquímicos com as sementes das árvores do gênero Copaifera L.são raros. Copaifera officinalis foi a primeira espécie do gênero Copaifera a ser descrita. Este trabalho descreve a composição dos extratos obtidos em hexano e e (mais) m acetato de etila das sementes de C. officinalis. No extrato obtido em hexano, a análise por cromatografia em fase gasosa utilizando padrões e através de espectrometria de massas permitiu a identificação de: esqualeno, tetradecano, hexadecano, campesterol, estigmasterol e beta-sitosterol; os ácidos graxos hexadecanóico, 9-octadecenóico e octadecanóico (majoritários); e decanóico, eicosanóico, docosanóico e tetracosanóico (minoritários). Cumarina foi isolada do extrato em acetato de etila e identificada por técnicas de RMN. Resumo em inglês Copaifera L. is one of the most economically important plant genera in the Amazon Region, since it exudes a resin-oil named copaiba oil possessing several confirmed pharmacological properties. In spite of that, phytochemical studies of the seeds from this genus are rare. Copaifera officinalis L. was the first species in the genus Copaifera to be described. This paper describes the chemical composition of the hexane and ethyl acetate extracts of the seeds from this species (mais) . In the hexane extract, gas chromatography and mass spectrometry analyses enabled us to identify squalene, tetradecane, hexadecane, campesterol, stigmasterol and beta-sitosterol; hexadecanoic, 9-octadecenoic and octadecanoic acids (major substances); as well as decanoic, eicosanoic, docosanoic and tetracosanoic (minor substances) acids. Coumarin was detected in the ethyl acetate extract, isolated and identified by NMR.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

10

Alterações estruturais e fisiológicas em sementes de Copaifera Langsdorffii DESF. - Leguminosae-Caesalpinioideae submetidas ao tratamento com hipoclorito de sódio/ Structural and physiological changes in seeds and seedlings of Copaifera Langsdorffii DESF. (Leguminosae - Caesalpinioideae) submitted to sodium hypochlorite treatment

Noleto, Leonardo Gonçalves; Pereira, Maria de Fátima Rodrigues; Amaral, Lourdes Isabel Velho Do
2010-01-01

Resumo em português O objetivo deste trabalho foi determinar o efeito do hipoclorito de sódio (NaClO) sobre a testa das sementes, germinação e o estabelecimento de plântulas de copaíba. A remoção da cutícula da testa de sementes após imersão em NaClO a 2,5% foi evidenciada pelo corante Sudan IV e microscopia eletrônica de varredura. Com a remoção dessa camada ocorreu aumento significativo na absorção de água pela semente, durante a fase inicial da embebição. Substâncias fe (mais) nólicas, provavelmente inibitórias da germinação, foram detectadas com cloreto férrico nas paredes celulares dos cotilédones. A imersão em NaClO foi mais favorável para a emergência de plântulas (54%), quando comparada com a escarificação mecânica (2%) e controle (14%). Esses resultados permitem concluir que a utilização do NaClO é uma alternativa eficaz para a produção de mudas em larga escala, devido principalmente às suas propriedades antissépticas. Resumo em inglês We determined the effect of Sodium Hypochlorite (NaClO) immersion on the seed coat, germination and establishment of seedlings of Copaifera langsdorffii Desf. (copaiba; diesel tree; kerosene tree; Langsdorf's copaifera). Cuticle removal of the seed coats treated with 2.5% NaClO was shown by Sudan IV staining and scanning electronic microscopy. Treatment with NaClO increased water uptake by the seeds during the early stages of imbibition. The cell walls of cotyledons stain (mais) ed with ferric chloride showed phenolic compounds with putative inhibitory proprieties upon germination. Immersion in NaClO was the treatment most favorable to seedling emergence (54%) when compared to mechanical scarification (2%) and untreated control seeds (14%). These results indicate that NaClO is an efficient option for large-scale seedling production, principally due to its antiseptic proprieties.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

11

Constituintes químicos dos frutos de Copaifera langsdorffii Desf./ Chemical constituents of the fruits of Copaifera langsdorffii Desf.

Lima Neto, José de Sousa; Gramosa, Nilce Viana; Silveira, Edilberto Rocha
2008-01-01

Resumo em inglês Phytochemical investigation of the hexane extract of fruit shells of Copaifera langsdorffii Desf. (Caesalpinioideae) afforded ent-kaur-16-en-19-oic acid, polyalthic acid, nivenolide and the mixture of caryophyllene oxide and ent-kaur-16-en-19-oic acid. The chloroform extract of unripe seeds led to the isolation of coumarin and the GC/MS analysis of the extract allowed the identification of 81.8% of the fatty acid composition after hydrolysis followed by methylation. The m (mais) ain fatty acid identified was oleic acid (33.1%). The isolation of all secondary metabolites was accomplished by modern chromatographic methods and the structure determination was accomplished by spectrometric methods (IR, MS, NMR ¹H and 13C).

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

12

Esclerofilia, taninos e insetos herbívoros associados a Copaifera lagsdorffii Desf. (Fabaceae: Caesalpinioideae) em área de transição Cerrado-Caatinga no Brasil/ Sclerophylly, tannins and herbivorous insects associated with Copaifera lagsdorffii Desf. (Fabaceae:Caesalpinioideae) in a Cerrado-Caatinga transition, Brazil

Silva, Jhonathan O; Jesus, Fabiene M; Fagundes, Marcílio; Fernandes, G Wilson
2009-12-01

Resumo em português A riqueza e abundância de herbívoros associados a uma planta hospedeira são influenciadas por variações nas defesas físicas e químicas da planta as quais são mediadas pela qualidade do habitat. Neste estudo, 36 indivíduos de Copaifera langsdorffii distribuídos equitativamente entre habitats de Cerrado "sensu stricto", Matas Ciliares e Floresta Estacional Decidual foram usadas para avaliar os efeitos do habitat na esclerofilia foliar, produção de taninos e na f (mais) auna de insetos herbívoros associados. Observou-se maior riqueza e abundância de herbívoros mastigadores em plantas dos habitats de Mata Ciliar e Cerrado comparativamente à Floresta Estacional Decidual. Porém, a riqueza e abundância de insetos herbívoros sugadores não diferiu entre os habitats. Não foi encontrada relação entre a riqueza ou abundância de herbívoros com a concentração de taninos e a esclerofilia foliar de C. langsdorffii. Estas variáveis também não variaram entre os habitats. É provável que nesses ambientes a esclerofilia não esteja relacionada apenas com a herbivoria, e que alguns herbívoros podem não ser afetados negativamente ou beneficiados pela concentração de taninos encontrada. O lançamento de folhas por C. langsdorffi apenas no fim da estação seca na Floresta Decidual pode constituir um mecanismo de escape de herbivoria. Porém, para uma análise mais detalhada há necessidade de estudos a longo prazo sobre nos diversos tipos de ambientes nos quais esta espécies esta distribuída bem como da pressão exercida pelos seus herbívoros. Resumo em inglês The richness and abundance of free-feeding insect herbivores may vary according to leaf sclerophylly, tannin concentration, and habitat conditions. We sampled 12 individuals of Copaifera langsdorffii in three different habitat physiognomies found in a cerrado-caatinga transition area in northern Minas Gerais, Brazil: 1) Cerrado ("sensu stricto"), 2) Riparian Forest, and 3) Seasonally Dry Forest (n=36 individuals). Higher richness and abundance of chewing herbivores were o (mais) bserved on C. langsdorffii in the Riparian Forest and Cerrado compared to Seasonally Dry Forest. On the other hand, the richness and abundance of sap-sucking herbivores did not differ among the habitats. No statistically significant differences were observed in leaf sclerophylly and tannin concentration among physiognomies, as well as no relationship was found among tannin concentration, leaf sclerophylly and richness and abundance of any of the insect guilds studied. The flushing of leaves by C. langsdorffi at the end of the dry season in the deciduous forest may be a mechanism to escape herbivores. Otherwise, for a detailed analysis long term studies at the vegetation formation where the host plant species is distributed and the selective pressures exerted by its herbivores are called for.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

13

Eletroforese de proteínas e isoenzimas em sementes de Copaifera Langsdorffii Desf. (leguminosae caesalpinioideae) envelhecidas artificialmente/ Proteins and isozymes electroforesis in seeds of Copaifera Langsdorffii Desf. (leguminosae caesalpinioideae) artificially aged

Carvalho, Dulcinéia de; Ferreira, Robério Anastácio; Oliveira, Luciana Magda de; Oliveira, Alessandro Fabiano de; Gemaque, Rinã Celeste Rodrigues
2006-02-01

Resumo em português A eletroforese vem sendo utilizada com a finalidade de auxiliar a avaliação da qualidade fisiológica de sementes de espécies florestais, uma vez que respostas mais rápidas podem ser obtidas usando-se marcadores isoenzimáticos. Sementes de copaíba (Copaifera langsdorffii) foram submetidas a diferentes tempos de envelhecimento artificial (0, 24, 48, 72 e 96 horas), em germinador (42 ºC e 100% de UR), tendo como objetivo avaliar as possíveis mudanças nos padrões e (mais) letroforéticos de proteínas e isoenzimas, decorrentes do envelhecimento artificial. O envelhecimento artificial ocasionou redução na germinação e vigor de sementes de C. langsdorffii, sendo o vigor afetado mais rapidamente. Em relação aos padrões eletroforéticos, não houve diferença significativa no conteúdo de proteínas solúveis e de armazenamento, mas, nas enzimas esterase e peroxidase, verificou-se redução na atividade destas, à medida que as sementes foram envelhecidas. Resumo em inglês Electrophoresis has been used to aid the evaluation of physiological seed quality of forest species, as isozymes provide fast responses. Seeds of copaiba (Copaifera langsdorffii) were artificially aged for 0, 24, 48, 72 and 96 hours, in a germination chamber (42º C and 100% UR). The objective of this research was to evaluate possible changes in the electrophoretic patterns of proteins and isozymes during the artificial aging. The artificial aging reduced the germination (mais) and vigor of C. langsdorffii seeds, but vigor was affected faster than germination. The electrophoretic patterns showed no difference in the content of soluble and storage proteins, but for esterase and peroxidase isozymes there was reduction in the activity with aging.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

14

Potencial de produção de óleo-resina de copaíba (Copaifera spp) de populações naturais do sudoeste da Amazônia/ Oil resin production potential of Copaifera spp natural populations in the Southwestern Brazilian Amazon

Rigamonte-Azevedo, Onofra Cleuza; Wadt, Paulo Guilherme Salvador; Wadt, Lúcia Helena de Oliveira
2006-08-01

Resumo em português O potencial de produção de óleo-resina extraído de Copaífera spp foi avaliado em duas populações naturais do sudoeste da Amazônia brasileira (municípios de Tarauacá e Xapuri), nos anos de 2000 e 2001. Foram selecionadas 388 árvores adultas de copaíbas das duas populações, sendo identificados em cada árvore o diâmetro à altura do peito (DAP), a produção de óleo-resina, a posição da árvore no relevo local (baixio ou terra firme) e a tipologia floresta (mais) l local (floresta aberta ou densa), além do nome regional da copaíba, com base em características morfológicas da casca: Copaifera reticulata: copaíba-branca, vermelha, amarela e preta e Copaifera paupera: mari-mari. Os resultados indicam que a copaíba mari-mari possui maior proporção de indivíduos produtivos (80%), enquanto os demais morfotipos apresentaram apenas de 22 a 40% de seus indivíduos produtivos. Com relação a todas as árvores amostradas, a produção de óleo-resina variou de 0 a 18 L árvore-1, com a copaíba mari-mari tendo a maior produção média (1,33 L árvore-1), porém sem diferir significativamente dos demais morfotipos. Após excluir da análise as árvores não produtivas, a copaíba-preta apresentou significativamente a maior produção média de óleo-resina (2,92 L árvore-1). A tipologia florestal, posição da árvore no relevo e o DAP não se mostraram relacionados a produção de óleo-resina. Resumo em inglês The potential for production of oil resin extracted from Copaifera spp natural populations was studied in two natural populations (municipalities of Tarauacá and Xapuri) in the Southwestern Brazilian Amazon, in 2000 and 2001. Three hundred and eighty-eight adult trees were selected within these two populations. DBH, oil production, topographic position, regional common names (based on bark appearance; White, Red, Yellow, Black for Copaifera reticulata, and Mari-Mari for (mais) C. paupera) and forest typology were recorded for each individual. Copaiba Mari-Mari had the highest proportion of oil-producing individuals (80%), whereas the other types varied between 22 - 40%. Within the studied population, oil production varied between 0 and 18 liters.tree-1, with Copaiba Mari-Mari having average oil production of 1.33 liters.tree-1, not being significantly different from the other types. After excluding non-productive trees, Black Copaiba had the highest average oil production (2.92 liters.tree-1). Forest type, diameter and topography were not significantly related to oil production.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

15

Efeito dos óleos vegetais de andiroba (Carapa sp.) e Copaíba (Copaifera sp.) sobre forídeo, pragas de colméias, (Diptera: Phoridae) na Amazônia Central/ Effect of andiroba (Carapa sp.) and copaiba's (Copaifera sp.) vegetable oils on phorides, hives's prague (Diptera: Phoridae) in Central Amazonia

Freire, Delci da Costa Brito; Brito-Filha, Carmina Rodrigues da Costa; Carvalho-Zilse, Gislene Almeida
2006-01-01

Resumo em português O conhecimento de substâncias repelentes para forídeos é um passo importante para a meliponicultura brasileira, pois esses insetos podem causar sérios danos às colméias de abelhas nativas. Os óleos de copaíba e andiroba, naturalmente encontrados na região amazônica, são muito utilizados pelos povos tradicionais da região como repelentes de insetos. Foi observado o efeito de dois óleos vegetais (andiroba e copaíba) sobre a postura de ovos por fêmeas de forí (mais) deos em condições de laboratório. A postura das fêmeas foi realizada preferencialmente no substrato pólen e diferiu estatisticamente dos substratos contendo óleo de andiroba ou copaíba, nos quais houve considerável diminuição (até nenhuma postura), e do substrato contendo mel. Esses óleos são uma boa alternativa no controle preventivo e curativo dessa praga em colônias de Meliponineos, devido ao seu efeito repelente, ao baixo custo e disponibilidade na Região Amazônica. Resumo em inglês The knowlegment of repellants substances to phoride flies is an important step to the Brazilian stinglessbee beekeeping due to the serious damage to the native bee hives they can do. The copaiba and andiroba oils, found commonly in the Amazon region, are very employed by the traditional people as insects' repellants. We observed the effect of these oils over the phoride's laying in laboratory conditions. The female phoride's eggs occurred preferentially in the pollen subs (mais) trate and statistically differed from those containing andiroba and copaiba oils, which was strongly reduced (until none eggs were laid), and from the substrate containing honey. These oils showed to be quite good alternative for this plague's preventive and curative control in stingless bee hives due to its repellant effect, low cost, and availability to get it in the region.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

16

Efeitos clínicos e microbiológicos do óleo de copaíba (Copaifera officinalis) sobre bactérias formadoras de placa dental em cães/ Clinical and microbiological effects of copaiba oil (Copaifera officinalis) on dental plaque forming bacteria in dogs

Pieri, F.A.; Mussi, M.C.; Fiorini, J.E.; Schneedorf, J.M.
2010-06-01

Resumo em português O potencial de uso do óleo de copaíba (Copaifera officinalis) na prevenção da doença periodontal, eliminando seu agente etiológico, foi avaliado em 18 cães sem raça definida, distribuídos homogeneamente em três grupos: teste, (contendo óleo de copaíba) controle positivo e controle negativo. Os tratamentos ocorreram três vezes ao dia, durante oito dias. Ao nono dia, os animais receberam aplicação tópica de fucsina básica 0,5% para evidenciação do biofilm (mais) e. Mudanças na halitose e gengivite foram avaliadas diariamente por inspeção visual. Adicionalmente, foram realizados testes laboratoriais de inibição de aderência de Streptococcus mutans e ensaio antimicrobiano de difusão em ágar, sobre bactérias formadoras de placa dental. Os resultados da placa evidenciada apontaram áreas de cobertura microbiana nos dentes de 53,4±8,8%, 28,5±5,4%, e 22,3±5,3% para os grupos negativo, positivo e teste, respectivamente, indicando diferença entre o controle negativo e os demais grupos (P Resumo em inglês The copaiba oil (Copaifera officinalis) potential was evaluated in preventing periodontal disease and reducing its etiology. For that 18 mongrel dogs were homogeneously distributed in three groups: test (copaiba oil), positive control (chlorexidine) and negative control. The treatments were carried out three times a day, during eight days. On the 9th day, the animals were tested with a 0.5% basic solution of fuchsin for the detection of biofilm. Changes in halitosis and g (mais) ingivitis were daily observed. In addition, the following laboratory tests were done: inhibition of the adherence of Streptococcus mutans, and plaque forming bacteria antimicrobial assays by the agar diffusion method. The results of the fuchsin test showed that dental plaque reached areas of 53.4±8.8%, 28.5±5.4%, and 22.3±5.3% in the negative control, positive control, and test groups, respectively, showing differences between dogs from the negative control group and dogs from the other two groups (P

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

17

Arquitetura da planta e diversidade de galhas associadas à Copaifera langsdorffii (Fabaceae)/ Plant architecture and gall diversity associated with Copaifera langsdorffii (Fabaceae)

Costa, Fernanda Vieira da; Fagundes, Marcílio; Nieves, Frederico de Siqueira
2010-04-01

Resumo em português O comportamento de induzir galhas provavelmente surgiu como um mecanismo de defesa contra adversidades climáticas e/ou refúgios contra inimigos naturais. Várias hipóteses foram propostas para explicar o padrão de distribuição e abundância desses herbívoros em suas plantas hospedeiras. Por exemplo, a hipótese da arquitetura da planta prediz que plantas arquiteturalmente mais complexas apresentam maior diversidade de herbívoros. Este estudo teve como objetivos av (mais) aliar o efeito da arquitetura da planta hospedeira na diversidade de galhas e determinar o esforço amostral mínimo para coleta representativa da fauna de galhadores em Copaifera langsdorffii. Cinquenta indivíduos arbóreos de C. langsdorffii foram selecionados para caracterização da arquitetura (altura, CAP, número de ramificações de primeiro, segundo e terceiro nível, área e volume da copa) e da riqueza e abundância de galhas. Um total de 23 morfotipos de galhas foi encontrado em C. langsdorffii. A curva de rarefação de espécies de galhas por indivíduo amostrado indicou que a saturação de espécies ocorre próxima a décima árvore amostrada. A complexidade arquitetônica não afetou a riqueza e abundância de galhas. Este estudo oferece uma nova metodologia para padronizar o método de amostragem de galhas em espécies arbóreas do Cerrado. Resumo em inglês Plant architecture and gall diversity associated with Copaifera langsdorffii (Fabaceae). Galling insects induce tumors on their host plants in response to climatic adversities and as a protection against natural enemies. Among several hypotheses that explain differences in the distribution and abundance of galling-inducing insects, the plant architecture hypothesis stresses the influence of host plant architecture (e.g., a combination of life form, plant height, and numbe (mais) r of shoots, branches and leaves in relation to crown volume). The aims of this study was to evaluate the effects of host plant architecture on gall species diversity and to determine the sample effort to perform a representative collect of the galling insects fauna. On fifty C. langsdorffii trees, we determined both architectural variables (i.e. height, DBH, number of ramifications of the first, second and third level, and crown area and plant volume) and gall richness and abundance. We found a total of 23 gall morphotypes associated with host plant C. langsdorffii. The gall richness and abundance were not affected by host plant architecture. Rarefaction curves indicated that ten individuals and 14 shoots per plant are sufficient to sample all gall morphotypes associated with C. langsdorffii. The study suggest a new methodology to sampling galls in this tropical tree species.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

18

Obtenção de nova fonte de peroxidase de folha de Copaifera langsdorffii Desf. com alta atividade/ Obtention of a new source of peroxidase from Copaifera langsdorffii leaf, Desf. with high activity

Maciel, Hermelinda Penha Freire; Gouvêa, Cibele Marli Cação Paiva; Pastore, Gláucia Maria
2006-12-01

Resumo em português Objetivou-se neste trabalho extrair peroxidase de folha de Copaifera langsdorffii (COP), medir sua atividade, compará-la com a peroxidase de raiz forte (Horseradish peroxidase - HRP) e determinar o pH ótimo, a melhor solução extratora e o efeito de aditivos sobre a atividade da COP. Os resultados mostraram que a COP atingiu 81,6% da atividade de HRP e a faixa de pH ótimo foi de 5,5 a 6,0. A melhor solução extratora da enzima foi o tampão fosfato de sódio 50 mM, p (mais) H 6,0 e o melhor aditivo foi o PVPP. Concluindo, a COP apresenta atividade mais alta que outras peroxidases de diferentes fontes citadas na literatura. Resumo em inglês The purpose of this work was to extract peroxidase from Copaifera langsdorffii leaves (COP), measure its activity, compare it to that of Horseradish peroxidase and determine the optimum pH, the best extraction solution and the effect of additives on the COP activity. The results showed that COP has 81.6% of the activity of HRP and an optimum pH range between 5.5-6.0. The best extraction solution was a sodium phosphate buffer 50 mM, pH 6.0 and the best additive was PVPP. In conclusion, COP presents higher activity than peroxidases from different sources reported in the literature.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

19

Avaliação in vitro da atividade antibacteriana de um cimento odontológico à base de óleo-resina de Copaifera multijuga Hayne/ In vitro assessment of antibacterial activity of a dental cement constituted of a Copaifera multijuga Hayne oil-resin

Vasconcelos, Kátia Regina Felizardo; Veiga Junior, Valdir Florêncio da; Rocha, Waldireny Caldas; Bandeira, Maria Fulgência Costa Lima
2008-12-01

Resumo em português Um dos materiais utilizados para a adequação do meio bucal no serviço público é o cimento produzido a partir de óxido de zinco e eugenol. Entretanto, o eugenol é uma substância citotóxica que pode desencadear alguns efeitos adversos. Por essa razão, procura-se substituir o eugenol por uma substância que apresente baixa toxicidade, mantendo ou mesmo melhorando as propriedades do cimento. O óleo-resina de copaíba é um produto natural, utilizado pelas populaç� (mais) �es amazônicas e reconhecido por suas propriedades medicinais. Baseando-se nas propriedades desse óleo-resina, na ação antimicrobiana comprovada do hidróxido de cálcio e na ação anti-séptica do óxido de zinco, propôs-se formular um cimento odontológico obtido da associação do ZnO, Ca(OH)2 e óleo-resina de Copaifera multijuga Hayne e avaliar sua atividade antibacteriana através do teste de diluição em meio líquido frente às cepas padrão de Streptococcus mutans (ATCC 25175) e S. sanguinis (ATCC 15300). Nesse ensaio, utilizaram-se os seguintes grupos experimentais: o cimento contendo ZnO, Ca(OH)2 e óleo-resina de copaíba (G1) e cada um dos constituintes isoladamente, ZnO (G2), Ca(OH)2 (G3) e óleo-resina de copaíba (G4). Todos os grupos analisados demonstraram atividade antibacteriana, o G4 apresentou os melhores resultados e o G1 mostrou-se um cimento promissor a ser utilizado em odontologia. Resumo em inglês One of the materials utilized for suitability of the oral means in the public service is the cement produced from zinc oxide and eugenol. However, eugenol is a cytotoxic substance that can trigger some adverse effects. For this reason, it is desired to replace eugenol for another substance that presents low toxicity, keeping or even improving the cement properties. The copaiba oil-resin is a natural product, utilized by the Amazonian population and recognized for its medi (mais) cinal properties. Based on the properties of this oil-resin, on the proven antimicrobial activity of calcium hydroxide and on the anti-septic action of zinc oxide, it was proposed to formulate a dental cement obtained through the association of ZnO, Ca(OH)2 and Copaifera multijuga Hayne oil-resin and assess its antibacterial activity through the test of dilution in aqueous medium against the standard of Streptococcus mutans (ATCC 25175) and S. sanguinis (ATCC 15300). In this assay, the following experimental groups were utilized: the cement containing ZnO, Ca(OH)2 and copaiba oil-resin (G1) and each one of the constituents individually, ZnO (G2), Ca(OH)2 (G3) and copaiba oil-resin (G4). All the analyzed groups showed antibacterial activity, G4 showed the best results and G1 showed itself to be a promising cement for application in dentristy.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

20

Extração e caracterização parcial de peroxidase de folhas de Copaifera langsdorffii Desf./ Extraction and partial characterization of peroxidase from Copaifera langsdorffii Desf. leaves

Maciel, Hermelinda Penha Freire; Gouvêa, Cibele Marli Cação Paiva; Pastore, Gláucia Maria
2007-06-01

Resumo em português Em recentes publicações têm sido descritos vários processos para obtenção de peroxidases. O propósito deste trabalho foi extrair peroxidase de folhas de Copaifera langsdorffii e caracterizar parcialmente a enzima usando planejamento experimental e teste univariado, para confirmação dos resultados obtidos por planejamento experimental. A atividade da peroxidase foi medida usando sistema guaiacol: peróxido de hidrogênio. A peroxidase isolada apresentou 81,6% da a (mais) tividade da horseradish peroxidase e é de fácil obtenção, a partir de folhas de uma árvore abundante em todo o país. A peroxidase semi-purificada (COP) foi obtida pela precipitação do extrato bruto com acetona 65% (v.v-1), produzindo o pó cetônico. A COP apresentou atividade ótima na faixa de pH 5,0 a 7,0 e temperatura de 5 a 45 °C, com atividade máxima em pH 6,0 e 35 °C. A enzima mostrou-se estável em temperaturas inferiores a 50 °C e pH entre 4,5 e 9,0, por até 24 horas. A peroxidase foi inativada após 4 horas a 80 °C e após 3 minutos a 96 °C. Esta enzima demonstra possibilidade para ser usada como reagente para diagnósticos, construção de biossensores e outros métodos analíticos em vários campos da ciência. Resumo em inglês In the literature, several processes have been described to obtain peroxidases. The purpose of this work was to obtain peroxidase from Copaifera langsdorffii leaves and characterize it partially using a factorial design of experiments and univaried tests, to confirm the results obtained by the factorial design of experiments. Peroxidase activity was measured using the guaiacol: hydrogen peroxide system. The isolated peroxidase presented 81.6% of horseradish peroxidase act (mais) ivity and was easy to obtain from leaves of an abundant tree distributed all over the country. Semi-purified peroxidase (COP) was precipitated with acetone 65% (v.v-1) of the crude extract, obtaining the acetone powder. The COP optimum reaction pH values were between 5.0-7.0 and the temperatures between 5 and 45 °C, with a maximum activity at pH 6.0 and 35 °C. The enzyme was stable in temperatures below 50 °C and pH from 4.5 to 9.0 for up to 24 hours. The peroxidase was inactivated after 4 hours at 80 °C and after 3 minutes at 96 °C. This enzyme can possibly be used as a diagnostic reagent, biosensor and for other analytical methods in several fields of Sciences.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

21

Atividade antimicrobiana do óleo-resina produzido pela copaiba - Copaifera multijuga Hayne (Leguminosae)/ Antimicrobial activity of the oil-resin produced by copaiba Copaifera multijuga Hayne (Leguminosae)

Mendonça, Davidy Eduardo; Onofre, Sideney Becker
2009-06-01

Resumo em português A pesquisa de plantas com fins medicinais tem grande importância para a comunidade médica, uma destas é o óleo-resina extraído da copaíba, Copaifera multijuga Hayne, o qual é natural da região Amazônica onde é encontrado uma grande diversidade dessa espécies. Seu uso medicinal, tão difundido o torna o fitofármaco mais usado e conhecido pelas populações mais pobres da região Norte do Brasil, sendo utilizado como diurético, laxativo, antitetânico, antiblen (mais) orrágico, anti-reumático, anti-séptico do aparelho urinário, antiinflamatório, antitussígeno, cicatrizante e remédio para o combate ao câncer. O presente trabalho apresenta os resultados da avaliação da atividade antimicrobiana deste óleo, onde foi avaliado pela a técnica de difusão em ágar em meio Muller-Hinton. As cepas avaliadas foram: Escherichia coli ATCC 25922, Staphylococcus aureus ATCC 25923 e Pseudomonas aeruginosa ATCC 9027. As placas forma incubadas em estufas por 24 h em temperatura de 35 ºC. Como padrões foram utilizados os antibióticos amoxicilina (AMO-10 mg/disco), cloranfenicol (CLO-30 mg/disco) e tetraciclina (TET-30 mg/disco). Os resultados mostraram que o óleo de copaíba possui capacidade de inibir o crescimento das três bactérias avaliadas, apresentando com isso uma concentração inibitória mínima de 1,56, 3,12 e 12,5% para E. coli, S. aureus e P. aeruginosa, respectivamente. Resumo em inglês The research of plants with medicinal purposes has great importance for the medical community, one of these is the oil-resin extracted of copaíba, Copaifera multijuga Hayne, which is natural of the Amazon region where a great diversity of this species is found. Its medicinal use, the way it is widely spread out, becomes it the phytopharmacs most used and known by the poor populations at the North region of Brazil, being used as diuretic, laxative, antitetanic, antiblenor (mais) ragic, anti-rheumatic, anti-septic for urinary system, anti-inflammatory, anti-cough, cicatrizing and medicine for the combat to the cancer. The present work shows the evaluation results of this oil antimicrobial activity by the technique of diffusion in agar in Muller-Hinton ambience. The evaluated strains were: Escherichia coli ATCC 25922, 25923 Staphylococcus aureus ATCC and Pseudomonas aeruginosa ATCC 9027. The plates were incubated in hot houses for 24 h under temperature of 35 ºC. Amoxicillin antibiotics (AMO-10 mg/disco), cloranfenicol (CLO-30 mg/disco) and tetracycline used (TET-30 mg/disco) as being standard. The results showed that the oil has the capacity to inhibit the growth of three evaluated bacteria, presenting a minimum inhibitory concentration of 1,56, 3,12 and 12.5% for E. coli, S. aureus and P. aeruginosa, respectively.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

22

Efeito do tamanho do fragmento na dispersão de sementes de Copaíba (Copaifera langsdorffii Delf.)/ Effect of fragment size on Copaifera langsdorffii seeds dispersal

Rabello, Ananza; Ramos, Flávio Nunes; Hasui, Érica
2010-03-01

Resumo em português A fragmentação de habitats pode afetar negativamente a relação mutualística entre plantas e animais, se estes tornarem-se localmente extintos nos fragmentos. No decorrer do processo de fragmentação há evidências de substituição de espécies especialistas por generalistas, adotando também sua função no ecossistema. Nós estudamos a frugivoria de Copaifera langsdorfii por aves para avaliar o efeito do tamanho do fragmento no potencial de dispersão das suas se (mais) mentes. Durante o ano de 2008 foram selecionadas vinte plantas focais distribuídas em cinco remanescentes de Mata Atlântica (amplitude 29,2 a 104,8 ha) para descrever o comportamento de forrageamento de aves consumidoras e avaliar o potencial de dispersão de sementes de cada espécie através do método de observação focal. O potencial de dispersão variou entre as espécies, juntamente com o padrão de distribuição e abundância nos diferentes fragmentos. O tamanho dos fragmentos afetou positivamente o número de interações de espécies com bom potencial de dispersão (R2 = 0,85; p = 0,05). A riqueza de espécies com má qualidade de dispersão foi negativamente afetada pelo tamanho do fragmento, mas com significância marginal (R2 = 0,77; p= 0,08). Portanto a preservação de fragmentos de maior tamanho garante mais eventos de interação entre a C. langsdorfii e seus bons dispersores, e consequentemente favorece seu sucesso reprodutivo. Resumo em inglês Effect of fragment size on Copaifera langsdorffii seed dispersal. Habitat fragmentation may cause functional disruption in seed dispersal, if the disperser species become locally extinct in the fragments. However during the fragmentation process, there is empirical evidence of replacement of specialist by generalist species, and these generalist species could also replace the functional activity of the specialists in the ecosystem. We studied bird frugivory on C. langsdor (mais) ffii in order to evaluate the patch size effect on the potential of seed dispersal of this plant. During 2008 we chose 20 focal trees distributed in five Atlantic forest remnants (range 29.2 to 104.8 ha), looking for which bird species consumed the fruits, describing their foraging behavior and consequently evaluating the potential for seed dispersal. The results suggest that there was lower similarity of bird richness among the patches. The ability to disperse seeds also varied among birds and their patterns of distribution and abundance were related with patch size. The number of good disperser species and their interactions were positively related with patch size (R2 = 0.85; p = 0.05); in contrast, the poor dispersers had the opposite tendency (R2 = 0.77; p=0.08). Therefore the preservation of larger patch size increases the interaction events between C. langsdorffii and their good dispersers, and consequently improving their fitness.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

23

Utilização de esgotos domésticos tratados através de um sistema biológico na produção de mudas de Croton floribundus Spreng. (Capixingui) E Copaifera langsdorffii Desf. (Copaíba)/ Use of domestic wastewater after biological treatment system for Croton floribundus Spreng. and Copaifera langsdorffii Desf. seedling production

Augusto, Danielle Camargo Celentano; Guerrini, Iraê Amaral; Engel, Vera Lex; Rousseau, Guillaume Xavier
2003-06-01

Resumo em português O presente trabalho teve por objetivo o aproveitamento da água residuária proveniente de um sistema biológico de tratamento de esgotos domésticos como alternativa à fertirrigação convencional de viveiros florestais, visando a produção de mudas de Croton floribundus (capixingui) e Copaifera langsdorffii (Copaíba) via subirrigação. As variáveis avaliadas mensalmente foram altura e diâmetro do coleto da muda e, ao final do experimento, peso da matéria seca da (mais) parte aérea e da raiz, área foliar, razão parte aérea/ raiz, análise nutricional foliar, análises químicas do substrato antes e após o ensaio e análises nutricionais periódicas da água residuária. O crescimento das plantas, em geral, foi superior no tratamento convencional com adubos minerais. O desenvolvimento do sistema radicular foi favorecido no tratamento com água residuária, o que pode ser característica desejável para maior sobrevivência das mudas no campo. Os resultados mostraram que a água residuária pode ser utilizada na fertirrigação de viveiros para produção das espécies estudadas, pois todas as plantas se mostraram vigorosas, com bom desenvolvimento, sem mortalidade, deficiência ou toxidez. Entretanto, constatou-se que essas mudas necessitarão de um maior tempo no viveiro, quando comparadas com as produzidas com fertilizantes minerais. Resumo em inglês This work aimed to study the use of treated domestic wastewater from a biological treatment system as an alternative for a seedling-nursery conventional fertirrigation (irrigation fertilization) of Croton floribundus Spreng. (Euphorbiaceae) and Copaifera langsdorffii Desf. (Leguminosae Caesalpinioideae) production. The variables analyzed monthly were seedling height and diameter and shoot and root dry matter weight, leaf area, shoot/root ratio, leaf and substrate chemical (mais) status (before and after the experiment) and periodical waste water nutritional analyses. Plant growth was greater when chemical fertilizers were used, but root development was greater when treated wastewater was used (which was thought to promote increased survival in the field). The results showed that wastewater can be used for fertirrigation of tree nurseries, since all plants have demonstrated vigor and good development with no mortality, deficiency or toxicity symptoms. Seedlings fertirrigated with wastewater, however, will spend more nursery time, when compared to those fertirrigated with mineral fertilizers.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

24

Atividade alelopática de extratos brutos de três espécies de Copaifera (Leguminosae-Caesalpinioideae)/ Allelophatic activity of crude extracts from three species of Copaifera (Leguminosae - Caesalpinioidedae)

Souza Filho, A.P.S; Gurgel, E.S.C; Queiroz, M.S.M; Santos, J.U.M
2010-12-01

Resumo em português Nos últimos anos, atenção especial foi dada aos compostos químicos envolvidos na interação entre plantas, especialmente quando se sabe das possibilidades do seu uso em estratégia de manejo de plantas daninhas. A Amazônia, pela sua megabiodiversidade e abundância de espécies vegetais, pode oferecer excelente oportunidade para a descoberta de inovadoras moléculas químicas com potencial de uso na atividade agrícola. Dessa forma, neste trabalho analisou-se, compa (mais) rativamente, a atividade potencialmente alelopática de três espécies de Copaifera, caracterizando-se as variações na intensidade dos efeitos alelopáticos em função da espécie doadora, da fração da planta e da polaridade dos constituintes químicos. Extratos hexânico e etanólico, preparados a 1,0% a partir de folhas, galhos e cascas de Copaifera duckei, C. martii e C. reticulata, foram testados sobre a germinação de sementes e o desenvolvimento da raiz das plantas daninhas malícia (Mimosa pudica) e mata-pasto (Senna obtusifolia). Observaram-se variações nas intensidades dos efeitos em função das variáveis estudadas. O extrato etanólico de folhas e o de galhos de C. martii e C. reticulata apresentaram alto potencial para inibir a germinação de sementes, sobretudo da espécie malícia. A espécie C. duckei evidenciou baixo potencial alelopático inibitório na germinação das duas espécies receptoras. Cascas, folhas e galhos de C. duckei apresentaram potencial inibitório mais expressivo sobre o desenvolvimento da raiz, com destaque para as folhas. Compostos químicos apolares e polares estão envolvidos na atividade alelopática da espécie C. duckei, com ênfase maior para os compostos apolares. Diferentemente, para C. martii e C. reticulata, compostos polares estão envolvidos, preferencialmente, na atividade inibitória evidenciada por essas espécies, notadamente aqueles localizados nas folhas e cascas. Comparativamente, a tendência observada foi de que a espécie receptora malícia demonstrou maior sensibilidade aos efeitos alelopáticos dos extratos, especialmente no bioensaio de germinação. Resumo em inglês For the past few years, special attention has been given to chemical composites involved in interaction between plants, especially when the potential of their use in weed management is known. The Amazon region with its enormous biodiversity and abundance of plant species may offer excellent opportunities for the discovery of innovative chemical molecules capable of being used in agriculture. Thus, in this paper, a comparative analysis was made between the potential allelo (mais) pathic activity of three species of Copaifera, characterizing the variations of the intensity of the allelopathic effects of the donating species, plant fraction and chemical component polarity. Hexanic and ethanolic extracts, prepared at 1.0% from the leaves, branches and barks of Copaifera duckei, C. martii and C. reticulata, were tested on seed germination and development of Mimosa pudica and Senna obtusifolia weed roots. The results showed that the intensity of the effects varied according to the variables studied. The ethanolic extract of C. martii and C. reticulata leaves and barks showed high potential to inhibit seed germination, especially of M. pudica species. The species C. duckei showed low allelopathic inhibitory potential in the germination of two receptor species. Barks, branches and especially leaves of C. duckei presented more expressive inhibitory potential for root development. Polar, and especially non-polar chemical composites, are involved in the allelopathic activity of C. duckei. Differently for C. martii and C. reticulata, the polar composites are preferentially involved in the inhibitory activity evidenced by these species, especially those located on the leaves and barks. Comparatively, it was observed that the weed species receptor tended to show more sensitivity to the allelopathic effects of the extracts, especially in the germination bioassay.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

25

Influência da gramatura na resistência da linha de cola aos esforços de cisalhamento em painéis compensados de Copaifera duckei Dawyer e Eperua oleifera Ducke/ Effects of amount of adhesive spread on the glue line shear strength in the plywood of Copaifera duckei Dawyer and Eperua oleifera Ducke

Lima, Nerci Nina; Cunha, Ulisses Silva da; Lucas Filho, Fernando Cardoso; Barbosa Filho, José
2011-03-01

Resumo em português A madeira por ser um material de origem orgânica responde de várias maneiras aos diversos produtos nela empregados, inclusive a aplicação de cola a qual depende do seu teor de umidade, tendendo a atingir um teor de umidade em equilíbrio dinâmico com a umidade relativa da atmosfera. Atualmente utilizam-se lâminas com teores de umidade entre 5 e 15% de acordo com o tipo de resina utilizada. O presente estudo avaliou o efeito de 04 gramaturas (270; 330; 364 e 390 g/m� (mais) �) na produção de painéis compensados utilizando as espécies: Copaifera duckei Dawyer e Eperua oleifera Ducke. As espécies utilizadas foram retiradas da área de manejo florestal sustentável da Gethal Indústria de Madeira Compensada Ltda localizada em Manicoré-Am. As lâminas foram produzidas com espessuras de 2,2 mm. As variáveis do ciclo de prensagem foram controladas seguindo as orientações técnicas estabelecidas pelo fabricante da resina. Foi avaliada a resistência da linha de cola, com amostras da capa e do miolo em condições seca e pós-fervura. Para análise estatística foi aplicado um delineamento inteiramente casualizado com arranjo em esquema fatorial dos tratamentos. Confrontando os valores médios da tensão de ruptura e a percentagem de falha na madeira obtidos nesta pesquisa, ensaio seco e pós-fervura, com os da literatura, foi verificado que os painéis avaliados atendem aos critérios estabelecidos, podendo ser indicados para uso interior e exterior, pois de acordo com a Norma EN 314-2 (1993) o valor médio da tensão de ruptura em conjunto com a porcentagem de falha na madeira encontram-se em um padrão aceitável de comportamento. Resumo em inglês The wood as a source of organic material responds in different ways to different treatments her employees, including the application of glue which depends on its moisture content, tending to reach a moisture content in dynamic equilibrium with relative humidity of the atmosphere. Currently we use blades with moisture levels of between 5 and 15% according to the type of resin used. This study evaluated the effect of 04 weights (270, 330, 364 and 390 g/m²) in the productio (mais) n of panels using offset the species: Copaifera ducker Dawyer and Eperua oleifera Ducke. The species were removed from the area of sustainable forest management Gethal Plywood Industry Ltd. located in Manicoré-Am. The slides were produced with thickness of 2.2 mm. The variables of the pressing cycle of were controlled by following the technical guidelines set by the manufacturer of resin. The property was assessed to resilience of the line of glue, with samples of the hood and the kernels in drought conditions and post-boil. Statistical analysis was applied an experimental design with in a factorial arrangement of treatments. Confronting the average values of voltage collapse and the percentage of failure in wood obtained in this research, test and post-boiling dry, with the literature, it appears that the panels assessed meet the established criteria, may be indicated for use inside and outside Because according to EN 314-2 (1993) the average voltage collapse along with the percentage of failure in the wood are at an acceptable standard of behavior.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

26

Avaliação da segurança clínica de um fitoterápico contendo Mikania glomerata, Grindelia robusta, Copaifera officinalis, Myroxylon toluifera, Nasturtium officinale, própolis e mel em voluntários saudáveis/ Clinical safety evaluation of a phytomedicine containing Mikania glomerata, Grindelia robusta, Copaifera officinalis, Myroxylon toluifera, Nasturtium officinale, honey and propolis in healthy volunteers

Soares, Aline K.A.; Carmo, Gardênia C.; Quental, Diana P.; Nascimento, Demétrius F.; Bezerra, Fernando A.F.; Moraes, Manoel O.; Moraes, Maria E.A.
2006-12-01

Resumo em português O fitoterápico Calmatoss® é um xarope composto por tinturas de guaco (Mikania glomerata), grindélia (Grindelia robusta), copaíba (Copaifera officinalis), bálsamo de Tolú (Myroxylon toluifera), álcoolatura de agrião (Nasturtium officinale), própolis e mel. Sua principal indicação é para o tratamento de afecções do trato respiratório por suas ações antimicrobianas, antitussígenas, expectorantes e broncodilatadora. O objetivo desse estudo foi avaliar a tox (mais) icologia clínica dessa preparação em voluntários saudáveis. Para isso realizou-se um ensaio clínico, não controlado com 24 voluntários de ambos os sexos, que receberam ambulatorialmente 15 mL do xarope quatro vezes ao dia, durante 21 dias ininterruptos. Os voluntários foram incluídos no estudo somente quando considerados saudáveis após avaliação clínica, exame físico e exames laboratoriais que antecederam o estudo. O xarope Calmatoss® foi bem tolerado pelos 24 voluntários não apresentando eventos adversos graves. Os exames clínicos, eletrocardiográficos e laboratoriais efetuados antes, durante e após o ensaio não evidenciaram sinais de toxicidade nos diversos órgãos e sistemas avaliados, confirmando a segurança da preparação para utilização em ensaios de eficácia terapêutica. Resumo em inglês Calmatoss® is a phytomedicine used in several respiratory tract pathologies treatment composed of seven medicinal plants such as Mikania glomerata, Grindelia robusta, Copaifera officinalis, Myroxylon toluifera, Nasturtium officinale, as well as honey and propolis. The present study investigated the chronic administration of 15 mL Calmatoss® syroup four times a day during 21 days for any toxic effect on healthy volunteers. The clinical trial consisted of an open study wi (mais) th 24 volunteers included in the study only when considered healthy after clinical evaluation, physical examination and laboratory tests, which preceded the study. The laboratory tests included: heamatologic, biochemical and sorologic analysis. This evaluation was repeated after the first, second and third week of treatment and at post-study seven days after the last administration. Calmatoss® was well tolerated by the volunteers. Variations in the laboratory were observed and all of these laboratory changes returned to normal levels during or after the study. In spite of these variations none of the volunteers had their values out of the established normality limits for each parameter. In conclusion, clinical, electrocardiographic and laboratory tests did not show any evidence of toxic signals in the various organs and systems studied.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

27

Avaliação da gramatura de cola na propriedade de flexão estática em painéis compensados de Copaifera duckei Dwayer e Eperua oleifera Ducke/ Evaluation of the glue amount in the static bending of the species Copaifera duckei Dwayer e Eperua oleifera Ducke

Lima, Nerci Nina; Pio, Nabor da Silveira
2007-01-01

Resumo em português A presente pesquisa teve como objetivo analisar as seguintes gramaturas de cola: 270; 330; 364 e 390 g.m-² a partir da produção de compensados fenólicos utilizando duas espécies florestais; Copaifera duckei e Eperua oleifera e avaliar a flexão estática dos painéis. A madeira foi proveniente da área de manejo florestal sustentado da Indústria de Madeira Compensada localizada em Manicoré, município do Amazonas. As lâminas foram produzidas na Gethal Amazonas (mais) S.A - Indústria de Madeira Compensada em Itacoatiara - AM com espessura de 2,2 mm. Foram produzidas a nível industrial 40 painéis, 20 por espécie no total de 8 tratamentos. O experimento foi completamente casualizado com arranjo fatorial. Foi utilizado a norma Européia EN 310: 1993. Os valores de densidade básica da espécie Copaifera duckei foi de 0,60 (g.cm-²) e 0,62 (g.cm-²) para Eperua oleifera. No ensaio de flexão estática, sentido paralelo à grã, somente a espécie Copaifera duckei apresentou diferença significativa a 5% pelo Teste de Dunnette para as propriedades de MOE e MOR. No sentido perpendicular a grã, as espécies Copaifera duckei e Eperua oleifera tanto o MOE quanto o MOR apresentaram diferenças significativas a 5% de probabilidade. Resumo em inglês The objective of the present research was to analyze 270; 330; 364 and 390 g.m-² amounts of glue in the production of fenolic plywood, using two forest species; Copaifera duckei and Eperua oleifera, and evaluate the static bending of the panels. The wood came from an area of sustained forest pertaining to the Plywood Industry located in Manicoré, county of Amazonas. The panels were produced with thicknesses of 2.2mm at the Gethal Amazonas S.A in Itacoatiara - AM. Fo (mais) rty panels, 20 per species, were produced an industrial level, using a total of 8 treatments. The experiment was completely randomized with factorial arrangement. The European standard EN 310: 1993 was used. The basic density values were 0.60 (g.cm-²) for Copaifera duckei, and 0.62 (g.cm-²) for Eperua oleifera. In static bending, parallel to the grain, only Copaifera duckei presented a significant difference at 5% in the Dunnette Test for the properties of MOE and MOR. In the perpendicular sense to the grain, Copaifera duckei and Eperua oleifera presented significant differences, for MOE as much as MOR, at 5% of probability.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

28

Emergência de plântulas oriundas de sementes recém colhidas e armazenadas de Copaifera langsdorffii Desf. (caesalpinioideae), triângulo mineiro, Brasil/ Seedling emergence from newly-collected and storage seeds of copaifera langsdorffii Desf. (caesalpinoideae), triângulo mineiro, Brazil

Pereira, Regina dos Santos; Santana, Denise Garcia de; Ranal, Marli Aparecida
2009-08-01

Resumo em português Copaifera langsdorffii é uma espécie em perigo de extinção, com dormência múltipla em suas sementes e baixa resistência ao armazenamento. Nesse sentido, é importante saber se as sementes perdem viabilidade a partir do ponto de maturidade fisiológica e se resistem à perda de água durante o armazenamento. Quatro experimentos foram instalados com sementes coletadas em julho (matriz 1) e agosto de 2005 (matriz 2), no Vale do Rio Araguari, MG, dois com sementes rec� (mais) �m-colhidas e dois com sementes armazenadas em câmara fria. A perda de 31% de água das sementes coletadas no solo, em relação às colhidas de frutos aderidos à árvore, reduziu em aproximadamente 10% o porcentual de emergência. A presença do arilo nas sementes recém-colhidas causou aumento do coeficiente de variação de emergência, indicando que essa estrutura possui substâncias inibidoras de germinação. Com o armazenamento, as sementes perderam viabilidade, diminuindo significativamente os porcentuais de emergência, o que indica que as sementes dessa espécie possuem certo grau de recalcitrância, com baixa resistência à perda de água após a maturidade fisiológica. Para a obtenção de maior número de mudas, em menor tempo e com maior sincronia, recomenda-se a utilização de sementes oriundas de frutos recém-abertos, ainda aderidos à árvore, com semeadura sem arilo e com escarificação. Resumo em inglês Copaifera langsdorffii is a threatened species that presents seeds with multiple dormancy and low resistance to storage. Thus, it is interesting to know if the seeds lose viability from the physiological maturity point and if they resist to desiccation during the storage period. Four experiments were conducted using seeds from the Araguari River Valley, MG (matrix 1, July and matrix 2, August 2005). Two of them had newly-collected seeds and the other two used seeds stored (mais) in cold chamber. The loss of 31% of water from the seeds collected from the soil in relation to the seeds collected from the tree reduced the percentage of emergence in about 10%. The presence of aril increased the value of the coefficient of variation of the emergence, indicating the presence of germination inhibitors in this part of the seeds. The seeds had lost viability after storage, reducing significantly the percentages of emergence. This characteristic indicates that seeds of this species have some degree of recalcitrance. To obtain a high number of seedlings in short time, with high synchrony, seeds collected from newly-opened fruits, directly of the tree, without aril, and scarified are recommended.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

29

Cromatografia de troca-iônica aplicada ao isolamento da fração ácida do óleo de copaíba (Copaifera multijuga) e da sacaca (Croton cajucara)/ Ion exchange chromatography applied to the fractionation of the copaíba oil (Copaifera multijuga) and sacaca (Croton cajucara) extracts

Barreto Júnior, Amaro Gomes; Biscaia Junior, Evaristo Chalbaud; Veiga Junior, Valdir Florêncio da; Pinto, Angelo C.; Carvalhaes, Sergio Freire de; Maciel, Maria Aparecida M.
2005-08-01

Resumo em inglês Plant extracts are usually complex mixtures which contain several molecules of different sizes with varied functional groups. Such extracts are a challenge to the chemist of natural products. Ion exchange chromatography in non-aqueous medium, used for separation of basic or acidic fractions from plant extracts, is an important unit operation in preparative scale separations. Anionic macroporous resin in non-aqueous medium was used with success in this study for separation (mais) of the acid fraction of Copaifera multijuga (Copaiba oil), rich in labdanic diterpenes and for the methanolic extract of Croton cajucara (acetyl aleuritoric acid).

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

30

Avaliação da toxicidade aguda e potencial neurotóxico do óleo-resina de copaíba (Copaifera reticulata Ducke, Fabaceae)/ Assessment of the neurotoxic potential and acute toxicity of copaiba

Sachetti, Camile Giaretta; Fascineli, Maria Luiza; Sampaio, Juliana Alves; Lameira, Osmar Alves; Caldas, Eloisa Dutra
2009-12-01

Resumo em português O óleo-resina de copaíba obtido do gênero Copaifera L., Fabaceae, é largamente utilizado na medicina popular como antiinflamatório, antimicrobiano e antitumoral. Porém, informações sobre seu potencial tóxico são escassos na literatura. O objetivo deste estudo foi estabelecer a toxicidade oral aguda e os possíveis efeitos neurotóxicos relacionados à ingestão do óleo-resina de Copaifera reticulata Ducke, Fabaceae, em ratas Wistar. O estudo foi conduzido com q (mais) uinze ratas nulíparas distribuídas nos grupos de doses 300 e 2000 mg/kg pc de óleo-resina administrado por gavagem. Os resultados obtidos mostraram que nestas doses não houve sinais clínicos de toxicidade ou neurotoxicidade, alteração no consumo de ração ou alteração no peso corpóreo. A dose letal aguda foi estimada como maior que 2000 mg/kg pc e classificada como categoria 5, segundo o Guia OECD 423. Estes resultados indicam que existe uma relativa margem de segurança para o uso do óleo-resina de copaíba como agente terapêutico, embora estudos toxicológicos adicionais sejam ainda necessários, principalmente com a administração repetida de baixas doses. Resumo em inglês Copaiba oil-resin obtained from Copaifera L. genus, Fabaceae, is largely used in popular medicine as antinflammatory, antimicrobial and antitumoral. Information concerning the potential toxicity of this oil is limited in the literature. The goal of this study was to investigate the acute toxicity and the possible neurotoxic effects related to the ingestion of Copaifera reticulata Ducke, Fabaceae, oil-resin using female Wistar rats. Fifteen nulliparous rats were used and d (mais) istributed in the experimental groups orally exposed to doses of 300 e 2000 mg/kg bw of oil-resin (gavage). No overt clinical signs of toxicity or neurotoxicity, alteration of food consumption or body weight were observed in the animals at the tested doses. The lethal oral toxicity was estimated to be higher than 2000 mg/kg bw, classified as category 5 according to OECD Guide 423. These results indicate that there is a certain safety margin associated with the use of copaiba as therapeutic agent, although additional toxicological studies are still necessary, mainly using repeated low doses.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

31

Tombamento de mudas de espécies florestais causado por Sclerotium rolfsii Sacc/ Damping-off of forest species caused by Sclerotium rolfsii Sacc

Mafia, Reginaldo Gonçalves; Alfenas, Acelino Couto; Resende Júnior, Márcio Fernando Ribeiro de
2007-08-01

Resumo em português O estudo objetivou avaliar a gama de hospedeiros de Sclerotium rolfsii por inoculação controlada das seguintes espécies florestais nativas e exóticas: Anadenanthera peregrina (angico-vermelho), Chorisia speciosa (paineira-rosa), Clitoria fairchildiana (sombreiro), Copaifera langsdorffii (copaíba), Delonix regia (flamboyant-vermelho), Enterolobium contortisiliquum (orelha-de-negro), Leucaena leucocephala (leucena), Mabea fistulifera (canudo-de-pito), Platymiscium pube (mais) scens (tamboril-da-mata), Senna macranthera (fedegoso), Spathodea campanulata (espatódea) e Tabebuia avellanedae (ipê-roxo), bem como comprovar o tombamento de mudas em pré e pós-emergência. Todas as espécies foram suscetíveis ao tombamento de mudas causado por S. rolfsii, em pré e em pós-emergência. Resumo em inglês The host range of Sclerotium rolfsii was evaluated by controlled inoculation of the following native and exotic forest species: Anadenanthera peregrina (angico vermelho), Chorisia speciosa (paineira rosa), Clitoria fairchildiana (sombreiro), Copaifera langsdorffii (copaíba), Delonix regia (flamboyant vermelho), Enterolobium contortisiliquum (orelha de negro), Leucaena leucocephala (leucena), Mabea fistulifera (canudo-de-pito), Platymiscium pubescens (tamboril da mata), S (mais) enna macranthera (fedegoso), Spathodea campanulata (espatódea) e Tabebuia avellanedae (ipê roxo). The fungus caused damping-off in pre and post emergence in all tested species.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

32

Estudo de toxicologia clínica de um fitoterápico a base de associações de plantas, mel e própolis/ Clinical toxicology study of a phytomedicine syrup composed of plants, honey and propolis

Tavares, Janaina P.; Martins, Ismael L.; Vieira, Ariane S.; Lima, Francisco A.V.; Bezerra, Fernando A.F.; Moraes, Manoel O.; Moraes, Maria E.A.
2006-09-01

Resumo em português O estudo objetivou avaliar a segurança clínica do uso de uma formulação fitoterápica composta da associação de Mikania glomerata, Mentha piperita, Eucalyptus globulus e Copaifera multijuga, incorporadas à própolis e mel para tratar doenças respiratórias. O ensaio clínico consistiu de um estudo aberto, com 26 voluntários adultos de ambos os sexos, que receberam quatro doses orais de 15 mL de Saratosse®, durante 28 dias ininterruptos. Os voluntários foram inc (mais) luídos somente se considerados saudáveis, após exames clínico e complementares que antecederam o estudo. A avaliação laboratorial incluía análises hematológicas, bioquímicas e sorológicas. A mesma avaliação foi repetida após cada semana de tratamento e no pós-estudo, sete dias após a última administração. Os resultados foram submetidos à Análise de Variância (teste de Dunnett), obtendo-se, a menor diferença significante (p Resumo em inglês The aim of this study is to evaluate the safety of the use of a phytomedicine syrup (Saratosse®) composed of several medicinal plants: Mikania glomerata, Mentha piperita, Eucalyptus globulus and Copaifera multijuga, along with honey and propolis to treat respiratory diseases. The clinical trial consisted of an open study with 26 adult volunteers of both sexes, who were given an oral dose of 15 mL of Saratosse® for 28 consecutive days, four times a day. Only volunteers w (mais) ho were found healthy after a clinical and physical examination were included. The laboratory tests included: hematological, biochemical and serological analysis. This evaluation was repeated after each week of treatment and seven days after the last administration. ANOVA analysis (Dunnett's test) showed a significant difference, albeit at low statistical level (p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

33

Isolamento de oligossacarídeos de xiloglucano de dicotiledôneas através de hidrólise enzimática e cromatografia de exclusão molecular/ Isolation of xyloglucan oligossacharides from dicots using enzymatic hydrolyses and gel permeation chromatography

Oliveira Junior, Clovis José Fernandes de; Braga, Marcia Regina; Buckeridge, Marcos Silveira
2006-09-01

Resumo em português Oligossacarídeos derivados do xiloglucano, um polissacarídeo constituinte da parede celular vegetal, vêm sendo considerados como moléculas capazes de sinalizar e/ou regular eventos relacionados ao crescimento e à expansão celular. A purificação desses oligossacarídeos é imprescindível para a realização de ensaios relativos à sua atividade biológica. Neste trabalho, xiloglucanos foram extraídos a partir de sementes de copaíba (Copaifera langsdorffii Desf.) (mais) e suspensões celulares de feijão (Phaseolus vulgaris L.) e hidrolisados com celulase (endo-glucanase) para obtenção dos oligossacarídeos de xiloglucano, os OXGs. Os resultados obtidos mostram que a técnica de cromatografia dupla em gel de exclusão molecular foi eficiente para purificação dos oligossacarídeos, apresentando OXGs dos tipos XLLG e XXXG com grau de pureza próximo a 90%, e do tipo XXFG próximo de 80%. Resumo em inglês Oligosaccharides from xyloglucan, a plant cell wall polysaccharide, have been considered as signaling molecules capable of regulating cell growth and expansion. The purification of such oligosaccharides is an essential requirement to evaluate their biological activity. In the present work, xyloglucans extracted from seeds of copaiba (Copaifera langsdorffii Desf.) and bean cell suspension cultures (Phaseolus vulgaris L.) were hydrolyzed with cellulase (endo-glucanase) to o (mais) btain xyloglucan oligosaccharides (OXGs). The OXGs were separated by gel permeation chromatography and analysed by high performance anion exchange chromatography with pulse amperometric detector (HPAEC/PAD). The results indicate that these procedures were suitable for purification of OXGs since XLLG and XXXG were 90% and XXFG 80% pure, showing the expected biological activity.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

34

Plantas medicinais: a necessidade de estudos multidisciplinares/ Medicinal plants: the need for multidisciplinary scientific studies

Maciel, Maria Aparecida M.; Pinto, Angelo C.; Veiga Jr., Valdir F.; Grynberg, Noema F.; Echevarria, Aurea
2002-05-01

Resumo em inglês This paper presents a program emphasizing ethnopharmacological approaches that could allow great success in the study of medicinal plants. The minimum ethnopharmacological research team should consist of a botanist, a chemist and a pharmacologist with each carrying the responsibility for answering in sequential fashion critical questions. The chemical composition and pharmacological properties of the very efficient medicinal plant Croton cajucara were investigated accordi (mais) ng to ethnopharmacological approaches. The study with this Croton proved to be both efficient and successful. This happy situation was only possible because a multidisciplinary team was involved getting the research done correctly. The ethnopharmacological study involving one other especies Copaifera will be cited.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

35

Controle de autenticidade de óleos de copaíba comerciais por cromatografia gasosa de alta resolução/ Authenticity control of commercial copaiba oils by high resolution gas chromatography

Veiga Jr., Valdir F.; Patitucci, Maria Lucia; Pinto, Angelo C.
1997-12-01

Resumo em inglês Copaiba oil is a resin extracted from the trunk of trees of Copaifera species which grow in Brazil where it is widely used in popular medicine as an anti-inflammatory, antiseptic anti-bactericidal, diuretic, dermatological, expectorant, and anti-infective. The comparative study of the composition of commercial copaiba oils was carried out by high resolution gas chromatography (HRGC) and high resolution gas chromatography-mass spectrometry (HRGC-MS) analysis. The commercia (mais) l oils were compared with authentic oils, collected from the southeast and northern regions of Brazil. Sixteen commercial oils were analysed and two of them revealed adulterations with fatty acids. Using the chromatographic profile of authentic copaiba species oils, it is possible to analyse commercial oils and determine the authenticity of these materials.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

36

Caesalpinioideae (leguminosae) lenhosas na Estação Ambiental de Volta Grande, Minas Gerais, Brasil/ Woody Caesalpinioideae (leguminosae) species at the Estação Ambiental de Volta Grande, Minas Gerais, Brazil

Filardi, Fabiana Luiza Ranzato; Garcia, Flávia Cristiana Pinto; Okano, Rita Maria de Carvalho
2009-12-01

Resumo em português Este trabalho apresenta o levantamento florístico das Caesalpinioideae lenhosas nas formações de Cerrado e de Floresta Semidecidual, da Estação Ambiental de Volta Grande. A área de estudo, localizada no Triângulo Mineiro, faz parte do complexo da Usina Hidrelétrica Estadual de Volta Grande, reúne 391 ha e retrata 30 anos de regeneração natural. Foram registrados 14 táxons da subfamília, reunidos em 11 gêneros e quatro tribos. Caesalpinieae foi a tribo mais r (mais) epresentada (Dimorphandra Schott, Diptychandra Tul, Peltophorum (Vogel) Benth., Pterogyne Tul. e Tachigali Aubl.), seguida por Cassieae (Apuleia Mart., Chamaecrista Moench e Senna Mill.), Detarieae (Copaifera L. e Hymenaea L.) e Cercideae (Bauhinia L.). O gênero mais representativo foi Senna (4 spp.), enquanto os demais foram representados por uma espécie cada. Apresentam-se chave para identificação, descrições e ilustrações, além de comentários sobre a distribuição geográfica dos táxons encontrados. Resumo em inglês This work presents the floristic survey of woody Caesalpinioideae taxa in the "Cerrado" and Semideciduous Forest vegetation, at the Estação Ambiental de Volta Grande. The area of study is located in the Triângulo Mineiro and belongs to the Companhia Energética de Minas Gerais. It covers 391 ha and represents 30 years of natural regeneration. Fourteen taxa were reported for the subfamily, distributed in 11 genera and four tribes. Caesalpinieae was the most representati (mais) ve tribe (Dimorphandra Schott, Diptychandra Tul., Peltophorum (Vogel) Benth., Pterogyne Tul. and Tachigali Aubl.), followed by Cassieae (Apuleia Mart., Chamaecrista Moench and Senna Mill.), Detarieae (Copaifera L. and Hymenaea L.) and Cercideae (Bauhinia L.). The most representative genus was Senna (4 spp.). Each one of the others was represented by one species. Identification key, descriptions and illustrations are presented for the sampled taxa, besides comments about their geographical distribution.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

37

Crescimento e teor de metais de mudas de espécies arbóreas cultivadas em solo contaminado com metais pesados/ Growth and metal concentration of seedlings of woody species in a heavy metal contaminated soil

Marques, Teresa Cristina Lara Lanza de Sá e Melo; Moreira, Fatima Maria de Souza; Siqueira, José Oswaldo
2000-01-01

Resumo em português O objetivo do trabalho foi avaliar o teor de metais pesados e o crescimento de mudas de 20 espécies arbóreas tropicais em solo com elevado grau de contaminação com metais pesados. Em casa de vegetação, as mudas foram transplantadas para vasos contendo 3,3 kg de misturas com diferentes proporções (0, 20, 40 e 60% v/v) de solo contaminado. Verificou-se comportamento diferenciado das espécies quanto à inibição de crescimento e aos teores de metais na raiz e na pa (mais) rte aérea em decorrência da contaminação. Com base na produção de matéria seca da parte aérea, concluiu-se que apenas Myrsine umbellata, Cedrella fissilis, Tabebuia impetiginosa e Copaifera langsdorffii não foram afetadas pela contaminação, enquanto Hymenaea courbaril, Mimosa caesalpiniaefolia, Acacia mangium e Platypodium gonoacantha sofreram pequeno impacto. As demais espécies foram muito inibidas pela contaminação do solo, o que é causado pela absorção, na maioria dos casos, de Zn e Cd. Várias espécies apresentaram elevada capacidade de reter esses metais nas raízes, evitando sua translocação para a parte aérea. Resumo em inglês The objective of the paper was to evaluate metal content and ability to grow in soil with excess of heavy metals of seedlings of 20 woody species. In the greenhouse, seedlings were transplanted to pots with 3.3 kg of soil-mixes with different proportions (0, 20, 40, 60% v/v) of a heavy metal contaminated soil. It was found that plant species behaved differently in terms of growth inhibition and metal content in the shoots and roots. Based upon the dry matter yield, only M (mais) yrsine umbellata, Cedrella fissilis, Tabebuia impetiginosa and Copaifera langsdorffii were not affected by increasing contamination, whereas Hymenaea courbaril, Mimosa caesalpiniaefolia, Acacia mangium and Platypodium gonoacantha were only slightly affected by it. All the other species were highly inhibited by the excess of metals in the soil, being such effects related, in most cases, to high uptake of Zn and Cd. Several species were able to retain large quantities of these metals in the roots, therefore avoiding their translocation to shoots.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

38

Leguminosae do município de Poconé, Pantanal de Poconé, Mato Grosso, Brasil/ Leguminosae at Poconé, Pantanal of Poconé, Mato Grosso, Brazil

Silva, Rosilene Rodrigues
2010-12-01

Resumo em português Este trabalho apresenta o levantamento florístico de Leguminosae do município de Poconé, localizado no Pantanal de Poconé, Mato Grosso, Brasil, entre as coordenadas 16° 00´-17° 38´ S e 55° 59´ 46"-57º 38´ 38" W. Coletas assistemáticas de espécimes de Leguminosae foram feitas entre 2007 e 2009 e o material tombado no Herbário UFMT. Na área de estudo, Leguminosae está representada por 54 gêneros e 99 espécies e duas variedades, sendo 12 gêneros e 29 esp� (mais) �cies e duas variedades pertencentes à subfamília Caesalpinioideae, 12 gêneros e 19 espécies pertencentes à subfamília Mimosoideae, e 30 gêneros e 51 espécies à Papilionoideae. Senna foi o gênero mais expressivo (7 ssp.), seguido por Bauhinia e Desmodium (5), Chamaecrista, Inga e Mimosa (4), Copaifera, Crotalaria, Discolobium, Indigofera e Stylosanthes (3), Aeschynomene, Albizia, Andira, Eriosema, Galactia, Hymenaea, Machaerium, Phanera, Pterodon, Sesbania, Vigna e Zornia (2), e os demais gêneros com uma espécie cada. Houve um acréscimo de 30 espécies não citadas previamente para a região do Pantanal. Dentre as espécies registradas podemos salientar o primeiro registro para o município e estado de Chamaecrista mucronata (Spreng.) H.S. Irwin & Barneby. Resumo em inglês This paper presents a floristic survey of Leguminosae at Poconé township, situated in Pantanal of Poconé, Mato Grosso State, Brazil, among 16° 00´-17° 38´ S and 55° 59´ 46"-57º 38´ 38" W. Unsystematic collects of specimens of Leguminosae were done between 2007 and 2009 and the material was deposited in the UFMT Herbarium. In the study area, Leguminosae is represented by 54 genera and 99 species and two varieties, of which 12 genera and 29 species and two varieti (mais) es belongs to the subfamily Caesalpinioideae, 12 genera and 19 species to subfamily Mimosoideae, and 30 genera and 51 species to subfamily Papilionoideae. Senna was the most expressive genus (7 spp.), followed by Bauhinia and Desmodium (5), Chamaecrista, Inga and Mimosa (4), Copaifera, Crotalaria, Discolobium, Indigofera and Stylosanthes (3), Aeschynomene, Albizia, Andira, Eriosema, Galactia, Hymenaea, Machaerium, Phanera, Pterodon, Sesbania, Vigna and Zornia (2), while the other ones presents only one species each. An increase of 30 species not cited to Pantanal region. Amongst the species that have been registered we can emphasize Chamaecrista mucronata (Spreng.) H.S. Irwin & Barneby as a first record to Poconé and Mato Grosso State.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

39

Análise estrutural e considerações sobre a dinâmica sucessional de dois fragmentos florestais semideciduais do Jardim Botânico Municipal de Bauru, SP, Brasil/ Structural analysis and considerations on the successional dynamic of two semideciduous forest fragments at the Municipal Botanical Garden of Bauru, SP, Brazil

Pinheiro, Marcelo Henrique Ongaro; Monteiro, Reinaldo
2009-12-01

Resumo em português Parâmetros fitossociológicos, como freqüência de classes de altura e de diâmetro, são muito utilizados em inferências sobre sucessão secundária em fitocenoses. Indivíduos abustivo-arbóreos com no mínimo 1,5 m de altura e fuste a 1,3 m, foram amostrados em 2.600 m² de floresta estacional semidecidual do Jardim Botânico Municipal de Bauru (JBMB). Informações sobre as freqüências de classes de diâmetro das cinco espécies com maior índice de valor de impo (mais) rtância (Ocotea pulchella, Protium heptaphyllum, Copaifera langsdorffii, Platypodium elegans e Trichilia pallida) e a classificação sucessional das populações mais numerosas também foram analisadas para inferências sobre as características sucessionais da comunidade estudada. As freqüências de classes de diâmetro de Vochysia tucanorum, espécie típica de savana, também foi estudada. As informações obtidas permitiram considerar que a floresta do JBMB encontra-se em estádio sucessional intermediário, e que, embora tenha sofrido com a ação do fogo no passado, algumas dessas populações estão conseguindo renovar-se. Resumo em inglês Phytosociological parameters, as the frequency of height and diameter classes, are commonly used to make inferences about secondary succession in given phytocenoses. Shrub and tree individuals higher than 1.5 m and with a bole length of at least 1.3 m were sampled in 2,600 m2 of semideciduous seasonal forest in the Municipal Botanical Garden of Bauru (JBMB). Information on the diameter class frequencies of five species with the highest Importance Value Index (Ocotea pulch (mais) ella, Protium heptaphyllum, Copaifera langsdorffii, Platypodium elegans and Trichilia pallida) and the more numerous species' successional classification were analyzed to make inferences about the successional features of the studied community. The diameter class frequencies of savannic species Vochysia tucanorum were also studied. The information obtained allowed to consider that the forest of the JBMB is at an intermediate successional stage, and that, although it used to be periodically burnt, some of its populations are able to renew themselves.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

40

Comparação florística de florestas inundáveis das regiões Sudeste e Sul do Brasil/ Floristic comparison of wetland forests in Southeast and South Brazil

Silva, Ana Carolina da; Berg, Eduardo Van Den; Higuchi, Pedro; Oliveira Filho, Ary Teixeira de
2007-06-01

Resumo em português Este estudo avaliou a variação da composição florística do componente arbóreo de 35 áreas inundáveis das regiões Sul e Sudeste do Brasil. Foi utilizada uma lista com 602 espécies arbóreas de 23 áreas de florestas aluviais (inundações temporárias) e 12 de florestas paludosas (inundações permanentes). Por meio de um teste de chi2, as espécies foram classificadas de acordo com o habitat em: 1) preferenciais de florestas paludosas, e.g. Magnolia ovata (A. St (mais) .-Hil.) Spreng., Dendropanax cuneatus (DC.) Decne & Planch. e Calophyllum brasiliense Cambess.; 2) preferenciais de florestas aluviais, e.g. Sebastiania commersoniana (Baill.) L.B. Sm. & Downs, Ocotea pulchella Mart. e Sorocea bonplandii (Baill.) W. Burger et al. e 3) espécies não preferenciais, e.g. Luehea divaricata Mart. & Zucc., Syagrus romanzoffiana (Cham.) Glassman e Copaifera langsdorffii Desf. A análise multivariada de gradientes (DCA) demonstrou maior agrupamento das florestas paludosas do que florestas aluviais, indicando maior heterogeneidade florística do último grupo. Os resultados indicaram que a variação, ambiental associada aos diferentes regimes de inundação é determinante na definição dos padrões fitogeográficos de áreas inundáveis. Resumo em inglês This study evaluated the variation of tree species composition of 35 wetland forest areas in Southeast and South Brazil. The analysis of the floristic composition was based on a floristic checklist containing 602 species of 23 alluvial forests (seasonally inundated) and 12 swamp forests (permanently waterlogged). The species were classified, using a chi2 test, according to the habitat preference in: 1) swamp forest species, e.g. Magnolia ovata (A. St.-Hil.) Spreng., Dendr (mais) opanax cuneatus (DC.) Decne & Planch. and Calophyllum brasiliense Cambess.; 2) alluvial forest species, e.g. Sebastiania commersoniana (Baill.) L.B. Sm. & Downs, Ocotea pulchella Mart. and Sorocea bonplandii (Baill.) W. Burger et al. and 3) non preferential species, e.g. Luehea divaricata Mart. & Zucc., Syagrus romanzoffiana (Cham.) Glassman and Copaifera langsdorffii Desf. Multivariate gradient analysis (Detrended Correspondence Analysis) showed higher clustering of swamp forest areas than aluvial forest areas, indicating close florist similarity in the first group. The results indicated that the environmental heterogeneity associated to different flood regimes is determinant in defining the phytogeographic patterns of wetland forest areas.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

41

A comunidade vegetal e as características abióticas de um campo de murundu em Uberlândia, MG/ Plant community and abiotic characteristics of a murundu field in Uberlândia, MG

Resende, Isa Lucia de Morais; Araújo, Glein Monteiro de; Oliveira, Ana Paula de Assis; Oliveira, Ana Paula de; Ávila Júnior, Rubem Samuel de
2004-03-01

Resumo em português Murundu é um tipo de microrrelevo em forma de pequena elevação, geralmente arredondado, muitas vezes apresentando solo e vegetação diferentes da área circundante. Todos os morrotes encontrados em 1,08ha de um campo de murundu foram medidos (comprimento, largura e altura). Determinou-se a profundidade do lençol freático e as características do solo sobre os mesmos e na área plana adjacente. A vegetação lenhosa (cipós, arbustos e árvores) com diâmetro do caul (mais) e ao nível do solo > 5mm foi amostrada em 48 morrotes. Encontraram-se 434 elevações (31,4% da área) das quais 24,3% apresentaram vegetação lenhosa. A profundidade do lençol freático sob os murundus com vegetação lenhosa variou de 99,2 a 206,8cm. O solo estudado apresentou baixo teor de bases trocáveis e pequena diferença na disponibilidade de nutrientes entre os murundus e a área plana próxima. Foram amostrados 116 espécies, 72 gêneros e 42 famílias. Matayba guianensis Aubl. e Erythroxylum suberosum A. St.-Hil. apresentaram maiores densidades e Copaifera langsdorffii Desf. e Blepharocalyx salicifolius (Kunth) O. Berg., maiores áreas basais. A maior diversidade em relação a outros trabalhos pode ser decorrente do pisoteio, pastejo bovino e queimadas. Resumo em inglês Murundus are small usually round mounds, that often present soil and vegetation different from the surrounding level area. All micro-elevations incountered in a 1.08ha murundu field had their length, width and height measured. The depth of the water table was measured and soil characteristics were obtained within and outside the murundus. All woody plants (lianas, trees, and shrubs) with a diameter of > 5 mm at ground level were identified. A total 434 elevations (31.4% o (mais) f the total area) were encontered, of which 48 (24.3%) contained woody plants. The mound vegetation comprised 116 species belonging to 72 genera, and 42 families. The depth of the water table for those murunduns with woody plants varied between 99.2 and 206.8cm. The studied soil showed a low content of exchangeable bases, but only slight differences were observed between murundus and level soils. Matayba guianensis Aubl. and Erythroxylum suberosum A. St.-Hil. had the highest densities, while Copaifera langsdorffii Desf. and Blepharocalyx salicifolius (Kunth) O. Berg. showed the highest basal areas. The heigher diversity encountered here in comparison to other published reports may be due to cattle grazing and trampling as well as burning.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

42

Fitossociologia de um remanescente de mata mesófila semidecídua urbana, bosque John Kennedy, Araguari, MG, Brasil

Araújo, Glein Monteiro; Guimarães, Antônio José Maia; Nakajima, Jimi Naoki
1997-06-01

Resumo em português RESUMO - (Fitossociologia de um remanescente de mata mesófila semidecídua urbana, Bosque John Kennedy, Araguari, MG, Brasil). Um estudo fitossociológico foi realizado no Bosque Municipal John Kennedy, município de Araguari, MG (48°11'19''W e 18°38'35''S). O bosque, com aproximadamente 11,2 ha, situa-se no perímetro urbano e é formado principalmente por uma mata mesófila semidecídua. No levantamento fitossociológico realizado, amostraram-se, em 1,2 ha, 1827 indi (mais) víduos, pertencentes a 46 famílias; 88 gêneros e 113 espécies, com um índice de diversidade de Shannon de H' = 3,75 nats/indivíduo. Os parâmetros fitossociológicos indicam as espécies mais importantes: Licania apetala, Micrandra elata, Copaifera langsdorffii, Astronium nelson-rosae e Alchornea glandulosa, e as famílias mais importantes: Chrysobalanaceae, Euphorbiaceae, Caesalpinaceae, Mimosaceae e Anacardiaceae. A ocorrência de algumas espécies incluidas entre as principais, caracteristicamente, pioneiras (Alchornea glandulosa e Piptocarpha macropoda), ou secundárias (Didymopanax macrocarpum e Maprounea guianensis), pode ser explicada pela existência de algumas áreas de clareiras, no interior dessa mata semidecídua, mas que, aparentemente, ainda não interferiram na estrutura da mata como um todo. Resumo em inglês ABSTRACT - (The phytosociological study of the semideciduous mesophytic forest in the John Kennedy Bosque, Araguari, MG, Brazil). A phytosociological survey of the species of trees was carried out in a semideciduous mesophytic forest in the John Kennedy Bosque (48°11'19''W and 18°38'35''S), Araguari, western Minas Gerais, Brazil. This area is located in the urban perimeter, and has 11.2 ha occupied mostly by forest. One thousand eight hundred and twenty seven (1827) ind (mais) ividuals trees were recorded in 1.2 ha, belonging to 46 families, 88 genera and 113 species, and Shannon's diversity index was 3.75 nats/individual. The phytosociological parameter of IVI show that the most important species are Licania apetala, Micrandra elata, Copaifera langsdorffii, Astronium nelson-rosae and Alchornea glandulosa, and the most important families are Chrysobalanaceae, Euphorbiaceae, Caesalpinaceae, Mimosaceae and Anacardiaceae. The occurrence of some species in the John Kennedy Bosque which are known to be gap colonizers (Alchornea glandulosa and Piptocarpha macropoda) or secondary (Didymopanax macrocarpum and Maprounea guianensis) shows the existence of gap areas in this forest, but the comparison between plots of intact forest and gap forest indicates that the specific structure remains unchanged.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

43

Anatomia comparada dos limbos cotiledonares e eofilares de dez espécies de Caesalpinioideae (Fabaceae)/ Comparative anatomy of cotyledons and eophylls laminas of ten species of Caesalpinioideae (Fabaceae)

Moreira-Coneglian, Inara Regiane; Oliveira, Denise Maria Trombert
2006-06-01

Resumo em português Este trabalho compara anatomicamente os limbos cotiledonares e eofilares de Caesalpinia leiostachya (Benth.) Ducke, Dimorphandra mollis Benth., Peltophorum dubium (Spreng.) Taub., Pterogyne nitens Tul., Schizolobium parahyba (Vell.) Blake (Caesalpinieae), Cassia ferruginea (Schrad.) Schrad. ex DC., Senna multijuga (Rich.) Irwin & Barn. (Cassieae), Bauhinia forficata Link (Cercideae), Copaifera langsdorffii Desf. e Hymenaea stilbocarpa Hayne (Detarieae). As células epidé (mais) rmicas dos cotilédones apresentam, na maioria das espécies, paredes anticlinais retas, enquanto os eofilos mostram-nas sinuosas. Os cotilédones são, em sua maioria, anfiestomáticos, e os eofilos, hipoestomáticos. A estrutura do mesofilo cotiledonar mostra-se variável, sendo homogêneo o tipo mais comum. Todos os eofilos estudados apresentam-se dorsiventrais. Há variações específicas com relação à presença e localização de grãos de amido, compostos fenólicos, lipídios e polissacarídios, tanto em cotilédones quanto em eofilos. Ambos exibem apenas feixes vasculares colaterais, acompanhados ou não por fibras e/ou bainha parenquimática, na qual, geralmente, ocorrem cristais prismáticos. Conclui-se que: a) há tendência de aumento da complexidade estrutural dos limbos dos eofilos em relação aos dos cotilédones; b) este fenômeno pode ser explicado pelas funções e curto período de vida dos cotilédones. Resumo em inglês The anatomy of cotyledons and eophylls laminas of Caesalpinia leiostachya (Benth.) Ducke, Dimorphandra mollis Benth., Peltophorum dubium (Spreng.) Taub., Pterogyne nitens Tul., Schizolobium parahyba (Vell.) Blake (Caesalpinieae), Cassia ferruginea (Schrad.) Schrad. ex DC., Senna multijuga (Rich.) Irwin & Barn. (Cassieae), Bauhinia forficata Link (Cercideae), Copaifera langsdorffii Desf. and Hymenaea stilbocarpa Hayne (Detarieae) was compared. In most species, cotyledons e (mais) pidermal cells presented straight anticlinal walls and eophylls had sinuous ones. Most of cotyledons were amphistomatic, while eophylls, hypostomatic. Cotyledons had homogeneous mesophylls, and eophylls dorsiventral ones. There are specific variation on the presence and distribution of starch grains, phenolic compounds, lipids, and polysaccharides. Cotyledons and eophylls presented collateral vascular bundles, with fibers and/or parenchyma sheath, in which crystals often occur. We suggest that: i) there is an increase of structural complexity of the eophylls compared to the cotyledons, ii) this phenomenon could be explained by the functions and short life span of the cotyledons.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

44

Análise de óleos-resinas de copaíba: contribuição para o seu controle de qualidade/ Copaiba oil-resin analysis: contribution to quality control

Biavatti, Maique W.; Dossin, Daniela; Deschamps, Francisco C.; Lima, Maria da Paz
2006-06-01

Resumo em português A óleo-resina de copaíba pode ser extraída de forma sustentável do tronco de várias espécies de Copaifera. Ela contém principalmente ácidos resinosos e substâncias voláteis, tendo ampla utilização medicinal. A padronização cromatográfica do óleo é a garantia da identidade desta matéria-prima complexa. Neste trabalho analisaram-se por CG três amostras de óleos de copaíba obtidas de Colombo/PR e doze amostras adquiridas no Estado do Amazonas. O óleo de (mais) copaiba foi fracionado por cromatografia em sílica gel impregnada com KOH e metilado e as frações obtidas foram avaliadas por CG. Numa segunda etapa, os óleos brutos metilados por meio de diazometano ou transesterificados com KOH/MeOH foram injetados diretamente em CG. Foram utilizados para comparação os ácidos diterpênicos hardwíckiico, copaiferólico e caurenóico além do sesquiterpeno 14-hidroxi-b-cariofileno (cariofilenol). A presença do ácido copaiferólico foi observada em 100% e cariofilenol em 80% das amostras. Os ácidos caurenóico e hardwíckiico ausentes nas amostras do Paraná, foram detectados em 8,3% e 41,7% respectivamente nas amostras do Amazonas. Os resultados obtidos indicam que podem ser analisados diretamente através de CG após metilação com diazometano, sem necessidade de fracionamento prévio. Adicionalmente, a determinação do índice de acidez para óleos de copaíba não demonstrou resultados inequívocos para as amostras analisadas. Resumo em inglês Copaiba oil can be extracted from the trunk of some Copaifera species and contains mainly resinous acids and volatile substances, which have wide medicinal use. The chromatographic standardization of the oil characteristics is the guarantee of the identity of raw material. In this work, three copaiba oil samples from Colombo/PR, and twelve from Amazonas State were analyzed. The copaiba oil was fractionated in silica gel impregnated with KOH, esterified and the fractions w (mais) ere evaluated by TLC and GC. In a second stage, the crude oil was esterified with diazomethane or transesterified with KOH/MeOH and injected in GC. The diterpene acids used for comparison were hardwickiic, copaiferolic and caurenoic and the 14-hydroxy-b-caryophyllene (caryophyllenol). The presence of copaiferolic acid was observed in all analyzed samples and caryophyllenol in 80% of the samples. Hardwickiic and caurenoic acids were absent in the samples from Paraná State, and respectively detected in 8.3% and 41.7%, of the samples from Amazonas. The obtained results indicate that the oil can be directly analyzed through GC after methylation with diazomethane, without previous fractionation. Also, an acidity index method proposed for copaiba oil analysis did not show to be reliable for the analyzed samples.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

45

Estudo etnobotânico na comunidade de Conceição-Açu (alto da bacia do rio Aricá Açu, MT, Brasil)/ Ethnobotany study in community of Conceição-Açu (on the upper basin of the River Aricá Açu, MT, Brazil)

Pasa, Maria Corette; Soares, João Juares; Guarim Neto, Germano
2005-06-01

Resumo em português O presente trabalho tem como objetivo realizar o levantamento etnobotânico de plantas classificadas em diferentes categorias de uso na comunidade de Conceição-Açu, no município de Cuiabá, MT, Brasil e estimar o valor de uso das espécies botânicas em matas de galeria. Entrevistas estruturadas e semi-estruturadas, o uso do questionário foram aplicados em 59 residentes adultos de ambos os sexos. Identificou-se as unidades de paisagem: quintais, roças e matas de gal (mais) eria e o número total de espécies utilizadas foi de 180. A maioria das plantas foi coletada durante a entrevista e depositadas no Herbário da UFMT. Nos quintais das residências identificou-se 86 espécies, pertencentes a 43 famílias, a maioria cultivada e utilizada como alimento (48,1%) e como remédio (44,5%). Nas roças os principais cultivos são: Manihot esculenta L. (100%), Carica papaya L. (76,2%), Musa paradisiaca L. (71,4%), Saccharum officinarum L. (57,1%). Na mata de galeria destacou-se a categoria medicinal (65%), com as espécies: Copaifera langsdorffii Desf. (2,5), Aspidosperma polyneuron Muell. Arg. (2,5), Hymenaea stignocarpa Mart. (2,33), Diptychandra aurantiaca Tul. (2,0), Cariniana rubra Gardner ex. Miers (20) e as famílias botânicas Mimosaceae, Bignoniaceae, Caesalpiniaceae, Fabaceae e Sapindaceae. Os resultados demonstram que a população possui vasto conhecimento das plantas e de suas propriedades de cura. Resumo em inglês This paper aims at doing the ethnobotany survey of plants classified in different categories of use in the community of Conceição-Açu, in the city of Cuiabá, MT, Brazil and estimate the value of use of the species botanic in the gallery forest. Structured and non-structured interviews and the questionnaire were used in 59 adult dwellers of both sexes. Were identified the landscape units: backyards, husbandry and gallery forest and the total number of used species is t (mais) he 180. The majority of the plants was collected during the interview and is kept in the Herbary of the Federal University of Mato Grosso. In the backyards of the house, 86 species, belong 43 families were identified, the majority of which planted and utilized as food (48.1%) an used as medicinal (44.5%). In the husbandry the cultivation principal are: Manihot esculenta L. (100%), Carica papaya L. (76.2%), Musa paradisiaca L. (71.4%), Saccharum officinarum L. (57.1%). In the gallery forest the use value showed the medicinal categoty (65%) species: Copaifera langsdorffii Desf. (2.5), Aspidosperma polyneuron Muell. Arg. (2.5), Hymenaea stignocarpa Mart. (2.33), Diptychandra aurantiaca Tul. (2.0), Cariniana rubra Gardner ex. Miers (2.0) and the Mimosaceae, Bignoniaceae, Caesalpiniaceae, Fabaceae and Sapindaceae families were the most used. The results show that the populacion has a wide knowledge of the plants and of the his power of healing.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

46

Neoangiogênese de retalhos cutâneos em ratos tratados com óleo de copaíba/ Neoangiogenesis of skin flaps in rats treated with copaiba oil

Estevão, Lígia Reis de Moura; Medeiros, Juliana Pinto de; Scognamillo-Szabó, Márcia Valéria Rizzo; Baratella-Evêncio, Liriane; Guimarães, Ednaldo Carvalho; Câmara, Cláudio Augusto Gomes da; Evêncio-Neto, Joaquim
2009-04-01

Resumo em português O objetivo deste trabalho foi avaliar morfometricamente a neoangiogênese de retalhos cutâneos subdérmicos em ratos tratados com óleo de copaíba (Copaifera langsdorffii) em pomada a 10%. O delineamento experimental foi inteiramente casualizado, composto por três recursos farmacológicos. Foram utilizadas dez repetições para cada recurso, e cada animal foi considerado uma unidade experimental. Trinta ratos Wistar foram submetidos à elevação do retalho cutâneo do (mais) rsal subdérmico e distribuídos em três grupos: grupo controle absoluto, no qual os animais não receberam nenhum tratamento; grupo controle, no qual os animais receberam tratamento tópico diário com pomada com apenas veículo (glicerina e vaselina); e grupo tratado, no qual os animais foram tratados diariamente com óleo de copaíba em pomada a 10%. Os ratos foram tratados e observados por oito dias após o ato operatório. No oitavo dia de pós-operatório, realizou-se a análise macroscópica do retalho e foram coletados fragmentos das porções cranial, média e caudal do retalho cutâneo para análise histopatológica. A análise morfométrica mostrou diferença significativa para o número de novos vasos sanguíneos nas partes média e caudal do retalho cutâneo no grupo tratado. O óleo de copaíba mostra-se eficiente no aumento da neoangiogênese em retalhos cutâneos subdérmicos de ratos. Resumo em inglês The aim of this work was to evaluate morphometric aspects of subdermic skin flap neoangiogenesis in rats treated with a 10% copaiba (Copaifera langsdorffii) oil ointment. The experiment design was a completely randomized, with three pharmacological resources. Ten replicates were used for each resource, and each animal was considered one experimental unit. Thirty Wistar rats were submitted to subdermic dorsal skin flap elevation and distributed into three groups: absolute (mais) control group, in which the animals did not receive any treatment; control group, in which the animals received topical treatment only with vehicle (glycerin and petroleum jelly), and treated group, in which the animals were treated daily with a 10% copaiba oil ointment. The rats were treated and observed for eight days after surgery. On the eighth day, the skin flap underwent a macroscopic analysis and fragments were collected from its cranial, medial and caudal portions for histopathological analysis. The morphometric analysis showed significant difference for proliferation of newly formed vessels in the middle and caudal portions of the skin flap in the treated group. Copaiba oil showed efficiency in the increase of neoangiogenesis of subdermic skin flaps in rats.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

47

Aspectos ecológicos de um trecho de floresta de brejo em Itatinga, SP: florística, fitossociologia e seletividade de espécies

Ivanauskas, Natália Macedo; Rodrigues, Ricardo Ribeiro; Nave, André Gustavo
1997-12-01

Resumo em português (Aspectos ecológicos de um trecho de floresta de brejo em Itatinga, SP: florística, fitossociologia e seletividade de espécies). No presente trabalho estudou-se um trecho de floresta de brejo localizada na fazenda Santa Irene, de propriedade da EUCATEX Ltda., no município de Itatinga-SP (48º38'52,2"W e 23º17'41,6"S), com uma área de 2 ha. O levantamento fitossociológico foi realizado através do método de censo de 1 ha do remanescente florestal, onde foram amostr (mais) ados todos os indivíduos com PAP (perímetro à altura do peito) > a 15 cm. Foram amostrados 1310 indivíduos, pertencentes a 28 famílias, 34 gêneros e 39 espécies do estrato arbustivo-arbóreo. As famílias que apresentaram os maiores valores de IVC foram Clusiaceae (53,49), Burseraceae (41,30), Euphorbiaceae (31,42). Podocarpaceae (9,04), Caesalpiniaceae (6,99), Myrsinaceae (6,38), Melastomataceae (5,75), Anacardiaceae (5,70), Arecaceae (4,51) e Styracaceae (4,44). Estas 10 famílias somaram 74,50% do IVC total. As espécies de maior destaque em IVC foram Calophyllum brasiliense (53,49), Protium almecega (41,30), Pera obovata (14,46), Podocarpus sellowii (9,04), Hyeronima alchorneoides (8,68), Copaifera langsdorffii (6,99), Rapanea guianensis (5,72), Tapirira guianensis (5,70), Miconia ligustroides (5,62) e Sebastiania serrata (4,71). Tais espécies somadas perfazem 77,84% do IVC total. O índice de diversidade de Shannon (H') obtido foi de 2,751 nats/indivíduos. Baseado em critérios florísticos e fitossociológicos, as espécies amostradas foram divididas em dois grupos: a) espécies peculiares, com os subgrupos de peculiares exclusivas e não exclusivas e b) complementares, com os subgrupos de áreas secas e indiferentes. Resumo em inglês (Ecological aspects of a swamp forest at Itatinga, SP: floristics, phytosociology and species selectivity). On present work, it was studied a swamp forest with 2 ha area, at the EUCATEX Ltda.'s Santa Irene farm, at Itatinga (48º38'53.2"W and 23º17'41.6"S), São Paulo state. Phytosociological survey was executed through census method in 1 ha of forest remaining, where all individuals with PBH (perimeter at breast height) > 15 cm were recorded. 1310 individuals were sampl (mais) ed, belonging to 28 families, 34 genera and 39 species of shruby-tree layer. The most important families in IVC were Clusiaceae (53.49), Burseraceae (41.30), Euphorbiaceae (31.42), Podocarpaceae (9.04), Caesalpiniaceae (6.99), Myrsinaceae (6.38), Melastomataceae (5.75), Anacardiaceae (5.70), Arecaceae (4.51) and Styracaceae (4.44). These 10 families accounted for 74.50% of total IVC. The most important species in IVC were Calophyllum brasiliense (53.49), Protium almecega (41.30), Pera obovata (14.46), Podocarpus sellowii (9.04), Hyeronima alchorneoides (8.68), Copaifera langsdorffii (6.99), Rapanea guianensis (5.72), Tapirira guianensis (5.70), Miconia ligustroides (5.62) e Sebastiania serrata (4.71), wich accounted for 77.84% of total IVC. The Shannon's diversity index (H') was 2.751 nats/individuals. Based on floristic and phytosociological criterious, the species sampled was divided in two groups: a) peculiar species, with the subgroups of exclusive and no exclusive e b) complemental, with the subgroups of dry areas and indifferents.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

48

Prospeção de inibidores de serinoproteinases em folhas de leguminosas arbóreas da floresta Amazônica/ Prospecting serine proteinase inhibitors in leaves from leguminous trees of the Amazon forest

Chevreuil, Larissa Ramos; Gonçalves, José Francisco de Carvalho; SCHIMPL, Flávia Camila; Souza, Cristiane Santos do Carmo Ribeiro de; Souza, Luiz Augusto Gomes de; Pando, Silvana Cristina
2011-03-01

Resumo em português Os inibidores de proteinases são proteínas extensivamente investigadas nos tecidos de estocagem, mas pouco prospectadas em outros tecidos vegetais. O objetivo deste estudo foi detectar a presença de inibidores de serinoproteinases em extratos foliares de quinze espécies de leguminosas arbóreas da Amazônia. As espécies estudadas foram: Caesalpinia echinata, C. ferrea, Cedrelinga cateniformis, Copaifera multijuga, Dinizia excelsa, Enterolobium contortisiliquum, E. ma (mais) ximum, E. schomburgkii, Leucaena leucocephala, Ormosia paraensis, Parkia multijuga, P. pendula, P. platycephala, Swartzia corrugata e S. polyphylla. Folhas foram coletadas, secas a 30ºC durante 48 h, trituradas e submetidas à extração com NaCl (0,15 M, 10% p/v) resultando no extrato total. Ensaios foram executados para determinar a concentração de proteínas e detectar a atividade inibitória contra a tripsina e quimotripsina bovina. Os teores de proteínas bruta e solúvel nos extratos foliares variaram de 7,9 a 31,2% e 1,3 a 14,8%, respectivamente. A atividade inibitória sobre a tripsina e quimotripsina foi observada em todos os extratos foliares. Contudo, nos extratos de E. maximum, L. leucocephala, P. pendula, S. corrugata e S. polyphylla a inibição foi maior sobre a tripsina, enquanto o extrato de P. multijuga foi mais efetivo contra a quimotripsina. Nós concluímos que nos extratos foliares de leguminosas arbóreas têm inibidores de serinoproteinases e exibem potencial aplicações biotecnológicas. Resumo em inglês The proteinase inhibitors are proteins extensively investigated in tissue storage, but few prospected in other plant tissues. The aim of this study was to detect the presence of serine proteinase inhibitors in leaf extracts from fifteen species of leguminous trees of the Amazon forest. The species studied were Caesalpinia echinata, C. ferrea, Cedrelinga cateniformis, Copaifera multijuga, Dinizia excelsa, Enterolobium contortisiliquum, E. maximum, E. schomburgkii, Leucaena (mais) leucocephala, Ormosia paraensis, Parkia multijuga, P. pendula, P. platycephala, Swartzia corrugata and S. polyphylla. Leaves were collected, dried at 30ºC for 48 h, crushed and subjected to extraction with NaCl (0.15 M, 10% w/v), resulting in the total extract. Tests were performed to determine the concentration of proteins and to detect of inhibitory activity against bovine trypsin and chymotrypsin. The content of crude and soluble protein in leaf extracts varied from 7.9 to 31.2% and 1.3 to 14.8%, respectively. The inhibitory activity on trypsin and chymotrypsin was observed in all leaf extracts. However, in extracts of E. maximum, L. leucocephala, P. pendula, S. corrugata and S. polyphylla, the inhibition was greater on trypsin, while extract of P. multijuga was more effective against chymotrypsin. We conclude that leaf extracts of leguminous trees have serine proteinase inhibitors and show potential biotecnological applications.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

49

Análise florística e estrutural do componente arbustivo-arbóreo de uma floresta de galeria no Município de Cristais Paulista, SP, Brasil/ Floristic and phytosociological analysis of the shrub/tree stratum in a gallery forest in Cristais Paulista, São Paulo State, Brazil

Teixeira, Aloysio de Pádua; Rodrigues, Ricardo Ribeiro
2006-12-01

Resumo em português Remanescentes florestais na porção nordeste do Estado de São Paulo são ainda pouco estudados quanto à composição florística. Foi realizado o levantamento florístico e fitossociológico de uma floresta de galeria no Município de Cristais Paulista visando à caracterização da flora do remanescente e o estudo das relações florísticas com outras formações ribeirinhas. Para o levantamento fitossociológico foi utilizado o método de ponto-quadrante. Em quatro (mais) transeções paralelas ao curso d'água, foram estabelecidos 90 pontos eqüidistantes em 10 metros e amostrados os indivíduos com PAP > 15 cm. Espécies em estágio reprodutivo, não amostradas no levantamento fitossociológico, foram coletadas e identificadas. Foram encontradas 68 espécies, distribuídas em 37 famílias, das quais 53 espécies e 34 famílias foram amostradas no levantamento fitossociológico. O índice de diversidade (H') para as espécies foi de 3,17 nats indivíduo-1 e as espécies mais importantes (em VI) foram Virola sebifera, Protium heptaphyllum, Tapirira guianensis e Copaifera langsdorffii. A comparação com outras florestas ribeirinhas evidenciou uma maior semelhança florística com as florestas situadas principalmente na bacia do Rio Grande, possivelmente devido às condições semelhantes de clima, e no Brasil Central, devido à rede de drenagem que atua como rota migratória das espécies. Foram encontradas também muitas espécies compartilhadas com os cerrados, evidenciando a contribuição da flora desse domínio para a floresta de galeria estudada. Resumo em inglês The floristic composition of forest remnants in northeastern São Paulo, Brazil, is still poorly reported. A floristic and phytosociological survey of a gallery forest in Cristais Paulista Municipality was carried out to characterize the flora and compare it to other riverine forests. The phytosociological aspects of the remnant were obtained by the point-centered quarter technique in four transects running parallel to the river bed, considering 90 points, equidistant ten (mais) meters, and sampling all individuals with pbh > 15 cm. All fertile specimens not included in the phytosociological sample were also identified. A total of 68 species and 37 families were found, with 53 species and 34 families reported in the phytosociological survey. The species diversity index (H') was 3.17 nats individual-1 and the most important species (IV) were Virola sebifera, Protium heptaphyllum, Tapirira guianensis and Copaifera langsdorffii. Comparison to other riverine forests showed greater floristic similarity with those found throughout the Rio Grande basin, possibly because of similar climates, and with forest remnants throughout Central Brazil due to the drainage network that provides a migratory route for the plant species. Many "cerrado" (Brazilian savanna) species were found in the gallery forest and this fact reinforces the role played by Brazilian savanna vegetation in the biodiversity of gallery forests.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

50

Fitossociologia e estrutura diamétrica da mata de galeria do Taquara, na reserva ecológica do IBGE, DF/ Phytosociology and diametric estructure of Taquara gallery forest, at IBGE ecological reserve, DF

Silva Júnior, Manoel Cláudio da
2004-06-01

Resumo em português (Florística e estrutura na mata do Taquara, Reserva Ecológica do IBGE, DF). As matas de Galeria, apesar de legalmente protegidas, vêm sendo sistematicamente substituídas visando a outras finalidades. As árvores (DAP³ 5 cm) na mata de Galeria do córrego do Taquara, na Reserva Ecológica do IBGE, no Distrito Federal, foram amostradas pelo método de quadrantes, com 250 pontos, dispostos em linhas estabelecidas ao longo do comprimento do córrego, desde as margens (mais) até os limites entre a mata e o cerrado. A amostragem de 1.000 árvores resultou na composição florística, na fitossociologia e na distribuição dos diâmetros dos troncos. No total foram amostradas 110 espécies de 49 famílias. O índice de diversidade de Shannon & Wiener foi estimado em 4,25 nats.ind-1. As famílias mais importantes foram: Leguminosae (lato sensu), Rubiaceae, Anacardiaceae, Euphorbiaceae e Sapindaceae, enquanto as espécies principais foram: Tapirira guianensis, Copaifera langsdorffii, Lamanonia ternata, Anadenanthera colubrina var. cebil, Piptocarpha macropoda, Alibertia macrophylla, Matayba guianensis, Pera glabrata, Guettarda viburnioides e Ixora warmingii. As estimativas da densidade e da área basal total foram de 1.573 árvores.ha-1, e 38,5 m².ha-1 respectivamente. A distribuição diamétrica indicou uma curva tendendo para o `J' invertido, evidenciando os baixos níveis de distúrbios ocorridos na mata. Uma comparação florística conduzida entre 21 matas de Galeria no Distrito Federal apontou a mata do Taquara como uma área rica, com 110 (29,1%) das 378 espécies listadas e similaridade de Sørensen variando entre 0,34 e 0,80, nas matas incluídas. Resumo em inglês (Floristics and structure of the, IBGE, Federal District, Brazil). Despite been protected by law gallery forests have been systematically replaced by other uses. The study focused on the Taquara gallery forest within the Ecological Reserve of the "Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística" in the Federal District, Central Brazil. One thousand trees (DBH ³ 5cm) were recorded using the point centered-quarter (PCQ) method. A total of 250 sampling points were esta (mais) blished in sampling lines from the stream margins to the forest-cerrado border and distributed from the head to the mouth of the stream. The floristic composition, phytosociology and diameter distribution were analyzed. One hundred and ten species of 49 families were found. The most important families were: Leguminosae, Rubiaceae, Anacardiaceae, Euphorbiaceae e Sapindaceae, while the most important species were: Tapirira guianensis, Copaifera langsdorffii, Lamanonia ternata, Anadenanthera colubrina var. cebil, Piptocarpha macropoda, Alibertia macrophylla, Matayba guianensis, Pera glabrata, Guettarda viburnioides e Ixora warmingii. Density and basal area were estimated as 1573 trees.ha-1 and 38.5 m².ha-1 respectively. Diameter distribution indicated a tendency to an inverted `J' curve revealing low levels of disturbance in this gallery forest. A floristic comparison with 21 gallery forests in the Federal District indicated Taquara gallery forest as a rich site including 110 (29,1%) of the 378 species recorded and Sørensen similarities ranging from 0,34 to 0,80 within the studied forests.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

51

Fisionomia e estrutura de uma floresta estacional montana do maciço da Borborema, Pernambuco - Brasil/ Physiognomy and structure of a seasonal montane forest at Borborema massif, Pernambuco - Brazil

Nascimento, Ladivania M. do; Rodal, Maria Jesus N.
2008-03-01

Resumo em português Foi caracterizada a fisionomia e a estrutura do componente arbóreo de um fragmento de floresta estacional montana situado a 900 m de altitude. A área de estudo (8º11'144" -8º12'27" S e 36º23'730" -36º24'638" W) apresenta solos profundos e precipitação média anual de 948 mm ano-1. Foram amostrados todos os indivíduos vivos ou mortos, ainda em pé, com diâmetro a altura do peito > 5 cm, em 50 parcelas contíguas de 10 x 20 m, e tomadas as seguintes medidas: altur (mais) a total, diâmetro do caule e área de cobertura da copa. As espécies foram classificadas quanto ao tamanho foliar, deciduidade e composição do limbo. Um total de 62 espécies (um taxon não identificado) foi amostrado. Densidade total, área basal total, altura e diâmetro médios e máximos dos indivíduos vivos foram 1.553 ind ha-1, 39 m² ha-1, 10,3 e 30 m e 14,2 e 105,0 cm, respectivamente. Cerca de 50% dos indivíduos vivos ocorreram abaixo de 10 m de altura. A distribuição das áreas basais e cobertura de copa por classe de altura indicou dois intervalos de concentração: 7-13 e 19-22 m. A área representa uma floresta estacional montana de transição entre as florestas ombrófilas e estacionais. A maioria das espécies é perenifólia e apresenta folhas simples e micrófilas (Casearia sylvestris Sw., Guapira nitida (Schmidt) Lundell, Marlierea clausseniana (O. Berg) Kiaersk., Ocotea aff. elegans Mez, Plinia sp., entre outras), ocupando o dossel da floresta juntamente com espécies notófilas (Amaioua cf. guianensis Aubl. e Roupala paulensis Sleumer) e mesófilas (Fabaceae sp. e Inga marginata Willd., entre outras). Entre as emergentes predominam espécies com folhas caducifólias e compostas, como Copaifera trapezifolia Hayne e Eriotheca crenulaticalyx A. Robyns. Resumo em inglês The physiognomy and structure of the tree component of a montane forest fragment located in an area at 900 m altitude (8º11'144" -8º12'27" S and 36º23'730" -36º24'638" W), with 948 mm of annual rainfall, and deep soil were studied. All alive or dead standing plants with diameter at breast height > 5 cm, within 50 contiguous plots, 10 x 20 m each, had their trunk diameter, total plant height and canopy projection area measured. The species were classified in relation t (mais) o their leaf size, deciduousness, and lamina composition. A total of 61 species were sampled plus one unidentified taxon. Plant density, basal area and average and maximum height and diameters were 1,553 plant ha-1, 39 m² ha-1, 10.3 and 30 m, 14.2 and 105 cm, respectively. About 75% of all alive plants had between 1.4 and 3 m high. The distribution of basal and canopy areas according to height class indicated two ranges of plant concentrations: 7-13 and 19-22 m. The forest fragment represents a transition between humid and dry montane forests. Most of the species are evergreen with simple microphyllous leaves (Casearia sylvestris Sw., Guapira nitida (Schmidt) Lundell, Marlierea clausseniana (O. Berg) Kiaersk., Ocotea aff. elegans Mez, Plinia sp.), they occurred in the canopy of the forest, together with notophyllous species (Amaioua cf. guianensis Aubl. and Roupala paulensis Sleumer) and mesophyllous (Fabaceae sp. and Inga marginata Willd.). The emergent trees are mostly deciduous and compound leaf species, such as Copaifera trapezifolia Hayne and Eriotheca crenulaticalyx A. Robyns.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

52

Avaliação de danos por insetos em toras estocadas em indústrias madeireiras de Manaus, Amazonas, Brasil/ Evaluation of insect damage to stored logs in six wood industries in Manaus, Amazonas

Abreu, Raimunda Liége Souza de; Sales-Campos, Ceci; Hanada, Rogério Eiji; Vasconcellos, Francisco José de; Freitas, Jorge Alves de
2002-11-01

Resumo em português Em seis indústrias madeireiras de Manaus, Amazonas, foi realizado um trabalho de pesquisa, com a utilização de um questionário,para averiguar as condições de uso e processamento da madeira e as medidas preventivas contra o ataque de insetos. Foram realizados, também,um levantamento da ocorrência de insetos em 19 espécies de madeiras utilizadas por essas indústrias e a avaliação do dano provocado pelas principais espécies de Coleoptera (besouros) e Isoptera (c (mais) upins). Das respostas apuradas, constatou-se que nenhuma das empresas visitadas emprega qualquer produto para prevenir o ataque de insetos às toras, assim como a secagem e a estocagem das toras são feitas de forma incorreta, contribuindo para aumentar a intensidade de ataque de insetos. Foram encontradas uma família de cupins e 16 de besouros, ressaltando que destas apenas cinco causam danos à madeira. Do total de 13 espécies de insetos coletados, destacam-se Xyleborus affinis Eichhoff e Platypus parallelus (Fabricius), encontradas em 18 espécies madeireiras, sendo conseqüentemente responsáveis pela maioria dos danos nas toras X. volvulus (Fabricius) e Platypus sp. foram encontradas em cinco espécies; X. ferrugineus (Fabricius) em três espécies; Minthea rugicolis Walk, Minthea sp. e Nasutitermes corniger (Motschulsky) em duas, e Dinoderus bifoveolatus Wollaston, Anoplotermes sp.; e Cnesinus sp. em uma. As espécies de madeiras que sofreram maior grau de deterioração, causada principalmente por coleópteros, foram Ceiba pentandra (L.) Gaertn. e Copaifera multijuga Hayne, seguidas por Couroupitaguianensis Aubl., Calophyllum brasiliense Cambess., Cedrela odorata L., Hevea brasiliensis Müll. Arg., Hura crepitans L., Hymenolobium sp., Maquira coriacea (Karsten) C.C. Berg, Nectandra sp., Virolasurinamensis Warb. e Vochysia sp. Resumo em inglês This work was carried out in two stages in six wood industries of Manaus, Amazonas. In the first stage, the handling conditions, wood processing as well as the preventive measures against insect attack were evaluated through a questionnaire. In the second stage an evaluation was conducted on the incidence of insects in 19 forest species utilized by those industries and on the deterioration degree caused by the main species of Coleoptera (beetles) and Isoptera (termites). (mais) One family of termites and five to 16 families of beetles were found to cause damage on wood. Out of the thirteen beetles collected, Xyleborus affinis Eichhoff and Platypus parallelus (Fabricius) stand out and were found in 18 wood species. Consequently, they were found to be responsible for most of the wood damages. X. volvulus (Fabricius) and Platypus sp. were found in five species, X. ferrugineus (Fabricius) in three species, Minthea rugicolis Walk, Minthea sp. and Nasutitermes corniger (Motschulsky) in two, and Anoplotermes sp. in one species. The wood species, Ceiba pentandra (L.) Gaertn. and Copaifera multijuga Hayne presented the highest degree of deterioration, caused mainly by Coleoptera, followed by Couroupita guianensis Aubl., Calophyllum brasiliense Cambess., Cedrela odorata L., Hevea brasiliensis Mull. Arg., Hura crepitans L., Hymenolobium sp., Maquira coriacea (Karsten) C.C. Berg, Nectandra sp., Virola surinamensis Warb. and Vochysia sp.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

53

Acúmulo e distribuição de metais pesados nas raízes, caule e folhas de mudas de árvores em solo contaminado por rejeitos de indústria de zinco/ Content and distribution of heavy metals in roots, stems and leaves of tree seedlings in soil contaminated by zinc industry wastes

SOARES, CLÁUDIO ROBERTO FONSÊCA SOUSA; ACCIOLY, ADRIANA MARIA DE AGUIAR; MARQUES, TERESA CRISTINA LARA LANZA DE SÁ E MELO; SIQUEIRA, JOSÉ OSWALDO; MOREIRA, FÁTIMA MARIA SOUZA
2001-01-01

Resumo em português Avaliaram-se em casa-de-vegetação o acúmulo e a distribuição de metais pesados nas raízes, caule e folhas de mudas de vinte espécies arbóreas tropicais crescendo em solo contaminado com metais pesados. As mudas com tamanho ideal para plantio foram transferidas para vasos contendo 3,3 kg de solo sem contaminação ou contaminado com Zn, Cd, Cu e Pb, onde permaneceram por 90 dias. As espécies que cresceram em solo contaminado apresentaram teores foliares elevados, (mais) variando de (mg kg-1): Zn = 154 a 1177; Cd = 0,6 a 54,6; e Cu = 2,8 a 134. Essas concentrações foram, em muitos casos, superiores aos níveis críticos de toxidez, ao passo que os teores foliares de Pb variaram de 0,1 a 4,3 mg kg-1, não atingindo níveis considerados fitotóxicos. Em algumas espécies como Machaerium nictidans, Myroxylon peruiferum, Piptadenia gonoacantha, Senna macranthera e Trema micrantha, que tiveram o crescimento muito inibido pela contaminação, houve elevada translocação de Zn e/ou Cd para parte aérea. Dendropanax cuneatum, que foi pouco afetada pelos metais, também apresentou índice elevado de translocação de Zn e Cd, mas reteve esses elementos no caule. Acacia mangium, Copaifera langsdorffi e Cedrella fissilis também apresentaram baixa sensibilidade à contaminação e apresentaram elevado acúmulo de Zn e Cd nas raízes, indicando que a baixa translocação desses elementos para a parte aérea está envolvida na tolerância dessas espécies ao excesso de metais pesados no solo. O padrão de distribuição proporcional de Zn e Cd nas raízes e parte aérea das plantas se relaciona com o comportamento dessas ao excesso de metais pesados no solo. Resumo em inglês An experiment was carried out in greenhouse to evaluate total content and distribution of heavy metals in seedlings of twenty different tree species growing in a soil contaminated by Zn, Cd, Cu and Pb. Plantable size seedlings were transfered to 3.3 kg pots containing a contaminated soil mixture and to a control soil without contamination where they were allowed to grow for ninety days. Metal foliar concentrations for plants grown in the contaminated soil were high, range (mais) d from (mg kg-1): Zn= 154 to 1177; Cd = 0.6 to 54.6 and Cu= 2.8 to 134. In most cases, these concentrations were superior to what has been considered as critical toxic levels, whereas foliar Pb concentrations ranged from 0.1 to 4.3 mg kg-1, below the critical toxic level. In some species that were highly affected by contamination such as Machaerium nictidans, Myroxylon peruiferum, Piptadenia gonoacantha, Senna macranthera and Trema micrantha it was found high translocation index for Zn and/or Cd. However, Dendropanax cuneatum that was only slightly affected by contamination, exhibited high translocation of Zn and Cd to shoots. In contrast to others species, Dendropanax cuneatum retained these elements in the stems. Other group of plants that were only slightly affected by soil contamination such as Acacia mangium, Copaifera langsdorffi and Cedrella fissilis accumulated more Zn and Cd in the roots than in the shoots, therefore indicating that reduced translocation is involved in their tolerance to the excess of heavy metal in soil. The proportional distribution pattern of Zn and Cd in the roots and shoots of the studied plant species is related to their behavior to the excess of heavy metals in soil.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

54

Florística e estrutura da comunidade arbórea de um fragmento florestal em Luminárias, MG/ Floristic composition and structure of the tree layer of a forest fragment in Luminárias Municipality, Minas Gerais State

Rodrigues, Luciene Alves; Carvalho, Douglas Antônio de; Oliveira Filho, Ary Teixeira de; Botrel, Rejane Tavares; Silva, Érica Aparecida da
2003-03-01

Resumo em português O objetivo deste trabalho foi analisar a composição florística e estrutural da comunidade arbórea de uma floresta em Luminárias, MG. O local de estudo é conhecido como Mata do Galego, possui cerca de 77 ha e está localizado a 21°29'S e 44°55'W, às margens do rio Ingaí. A amostragem florística foi realizada em parcelas e também em caminhadas pela floresta. Todo o material coletado foi identificado e incorporado ao Herbário ESAL, da Universidade Federal de Lav (mais) ras. O levantamento estrutural foi realizado por meio de amostragem sistemática, em 32 parcelas de 20 × 20m, distribuídas em três transeções, da margem do rio até a borda da mata. Nas parcelas, foram amostrados todos os indivíduos arbóreos, vivos, com circunferência à altura do peito (CAP) ≥ 15,5 cm. As variáveis químicas e físicas do solo foram obtidas das análises de amostras superficiais de solo (0-20 cm) de cada parcela. No levantamento florístico foram amostradas 201 espécies, 129 gêneros e 57 famílias. As famílias com maior riqueza foram Myrtaceae, Lauraceae, Fabaceae Faboideae, Rubiaceae, Euphorbiaceae e Fabaceae Mimosoideae. No levantamento estrutural foram amostrados 2343 indivíduos de 159 espécies, 104 gêneros e 50 famílias. As espécies mais abundantes foram Casearia sylvestris, Lithraea molleoides, Machaerium stipitatum, Faramea cyanea, Diospyros inconstans e Copaifera langsdorffii. A Mata do Galego apresentou alta diversidade de espécies (H' = 4,23 nat/indivíduo) e alta equabilidade (J' = 0,83). A alta diversidade de espécies pode estar relacionada à influência de formações vegetais próximas e aos diferentes microhabitats proporcionados pela topografia, variações na fertilidade e umidade do solo. Resumo em inglês The aim of this study was to analyze the floristic composition and structure of the tree layer of a forest fragment in the municipality of Luminárias, Minas Gerais State, southeastern Brazil. The forest fragment is locally known as Mata do Galego, has an area of c. 77 ha, and is located on the banks of the Ingaí River (21°29'S, 44°55'W). The flora was sampled out both in the stdy plots and in random collections throughout the fragment. Plant specimen vouchers are depo (mais) sited in the ESAL Herbarium, Federal University of Lavras. The structural survey used a systematic design with 32 sample plots (20 × 20m) distributed on three transects which extended from the river margin to the forest edge. In these plots, all living trees, with circumference at breast height (cbh) ≥ 15.5 cm were recorded. Soil chemical and physical variables were obtained from the analysis of samples of the topsoil (0-20cm) taken at the center of each plot. The floristic survey totaled 201 species belonging to 129 genera and 57 families. The families with the highest number of species were Myrtaceae, Lauraceae, Fabaceae Faboideae, Rubiaceae, Euphorbiaceae, and Fabaceae Mimosoideae. The structural survey recorded 2343 individuals belonging to 159 species, 104 genera, and 50 families. The most abundant species were Casearia sylvestris, Lithraea molleoides, Machaerium stipitatum, Faramea cyanea, Diospyros inconstans, and Copaifera langsdorffii. The Mata do Galego had a relatively high species diversity (H' = 4.23 nat/indivíduo) and evenness (J' = 0.83) and may be related to the influence of adjacent vegetation formations and to the different microhabitats present within the forest, determined by several factors, such as canopy gaps, topography, variation in soil fertility and moisture.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

55

Efeito in vitro de compostos de plantas sobre o fungo Colletotrichum gloeosporioides Penz: isolado do maracujazeiro/ In vitro effect of plant compounds on the fungus Colletotrichum gloeosporioides Penz: isolated from passion fruit

Silva, André Costa da; Sales, Nilza de Lima Pereira; Araújo, Alisson Vinícius de; Caldeira Júnior, Cecílio Frois
2009-01-01

Resumo em português Neste trabalho, objetivou-se avaliar o efeito de extratos e óleos essenciais de quatorze plantas medicinais e ou nativas, conhecidas popularmente no Norte de Minas Gerais, sobre a germinação de esporos e crescimento micelial do fungo Colletotrichum gloeosporioides. Foram utilizados no teste de inibição do crescimento micelial, os extratos aquosos de alecrim (Rosmarinus officinalis), erva baleeira (Cordia verbenacea), joá (Solanum sisymbriifolium), quebra-pedra (Phyl (mais) lanthus corcovadensis), erva botão (Eclipta alba) e açafrão da índia (Curcuma longa) obtidos por meio do processo de infusão; óleo essencial de alecrim de vargem (Família Lamiaceae), alecrim pimenta (Lippia sidoides), alfavaca cravo (Ocimum gratissimum), lippia (Lippia citriodora), goiaba branca (Psidium guajava), capim santo (Cymbopogon citratus); óleo resina de copaíba (Copaifera langsdorffi); hidrolatos de alecrim de vargem, goiaba vermelha (Psidium guajava), lippia, capim santo, goiaba branca, alfavaca cravo; manipueira de (Manihot esculenta). Também foram testados esses mesmos hidrolatos e os óleos essenciais na germinação dos esporos do fungo. Todos os tratamentos foram realizados in vitro, cultivando-se o fungo em meio de cultura BDA acrescido de 100μL dos compostos vegetais. No teste de inibição da germinação, todos os óleos essenciais impediram a germinação do fungo. No entanto, os hidrolatos não tiveram esse efeito. No teste de crescimento micelial, os óleos essenciais de todas as plantas inibiram completamente o crescimento do fungo, exceto o óleo da goiaba branca. Os extratos aquosos, a manipueira, o óleo resina e os hidrolatos, também não foram eficientes sobre o crescimento do patógeno. Esses resultados indicam o potencial antifúngico de alguns óleos essenciais de plantas medicinais. Resumo em inglês The objective of the work was to evaluate the effect of extracts and essential oils of fourteen medicinal and or native plants popularly known in the North of Minas Gerais, on the germination of spores and the mycelial growth of Colletotrichum gloeosporioides fungus. The following were used in the mycelial growth inhibition test: the watery extracts of rosemary (Rosmarinus officinalis), Cordia verbenacea, Solanum sisymbriifolium, Phyllanthus corcovadensis, Eclipta alba, a (mais) nd Curcuma longa obtained through the infusion process; essential oils of "alecrim de vargem" (Lamiaceae Family), Lippia sidoides, Ocimum gratissimum, Lippia citriodora, white guava (Psidium guajava), lemongrass (Cymbopogon citratus); copaíba oil resin (Copaifera langsdorffi) as well as hydrolates of "alecrim de vargem", red guava (Psidium guajava), Lippia citriodora, lemongrass, white guava, Ocimum gratissimum; and cassava manipueira (Manihot esculenta). The same hydrolates and essential oils were also tested on the germination of the fungus spores. All the treatments were carried out in vitro, cultivating the fungus in PDA supplemented with 100μL of the vegetal compounds. In the germination inhibition test, all the essential oils prevented the germination of the fungus. However, the hydrolates did not have this effect. In the mycelial growth test, the essential oils of all of the plants completely inhibited the fungus growth, except the white guava oil. The watery extracts, the cassava manipueira, the oil resin and hydrolates were also not efficient in preventing the growth of the pathogen. These results indicate the fungitoxic potential of some essential oils of medicinal plants.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

56

Flutuações temporais nos padrões de distribuição diamétrica da comunidade arbóreo-arbustivo e de 15 populações em um fragmento florestal/ Temporal fluctuations in the diametric distribution patterns of the trees and shrub community and 15 populations in a forest fragment

Machado, Evandro Luiz Mendonça; Gonzaga, Anne Priscila Dias; Carvalho, Warley Augusto Caldas; Souza, Josival Santos; Higuchi, Pedro; Santos, Rubens Manoel dos; Silva, Ana Carolina da; Oliveira-Filho, Ary Teixeira de
2010-08-01

Resumo em português Objetivando caracterizar possíveis flutuações nos padrões de distribuição diamétrica foram analisadas, num intervalo de cinco anos (2000-2005), a comunidade e as populações das 15 espécies mais abundantes do compartimento arbóreo de um remanescente de Floresta Semidecídua. A distribuição diamétrica da comunidade apresentou alta concentração nas classes menores e diminuição acentuada no sentido das maiores (J-invertido), em ambos os inventários. As popu (mais) lações apresentaram padrões distintos, arbitrariamente distribuídos em dois grupos: Grupo 1, formado por espécies de menor porte e abundantes no sub-bosque, como Galipea jasminiflora, Allophylus edulis, Sebastiania commersoniana, Dendropanax cuneatus e Mollinedia widgrenii, e também espécies de árvores altas e pioneiras, como Acacia polyphylla e Piptadenia gonoacantha, cujas distribuições diamétricas seguiram o modelo J-invertido. Com exceção de Calycorectes acutatus, todas as demais espécies do Grupo 2 (Platycyamus regnellii, Cupania vernalis, Machaerium stipitatum, Machaerium villosum, Copaifera langsdorffii, Persea major e Cassia ferruginea) eram de maior porte, cujos adultos predominavam no dossel da floresta, elevando a área basal e apresentando densidade de indivíduos menor nas classes diamétricas inferiores. No intervalo considerado, apenas D. cuneatus alterou seu padrão de distribuição (Grupo 1-Grupo 2), enquanto as demais os acentuaram. No Grupo 1, a síndrome de dispersão preferencial era anemocórica ou autocórica, ao passo que no Grupo 2 predominava a zoocoria. Assim, o remanescente, por apresentar área pequena, forma alongada e localização semiurbana associada a um regime de intensas perturbações, pode ter ocasionado empobrecimento da fauna dispersora, prejudicando a taxa de recrutamento. Resumo em inglês Aiming to characterize possible fluctuations in the patterns of diametric distribution, the community and the populations of the 15 most abundant tree species in a fragment of semideciduous forest were analyzed in a five year interval (2000-2005). The diametric distribution of the community showed a high concentration in the smaller classes and accentuated reduction in the biggest classes (reverse-J-shape), for both surveys. The populations presented different patterns, r (mais) andomly distributed in two groups. Group1, formed by species of smaller diameters and abundant in the sub-canopy, such as Galipea jasminiflora, Allophylus edulis, Sebastiania commersoniana, Dendropanax cuneatus and Mollinedia widgrenii, and also by pioneer species of high trees, Acacia polyphylla and Piptadenia gonoacantha followed the reverse-J-shape curve diametric distributions . All species of Group2 (Platycyamus regnellii, Cupania vernalis, Machaerium stipitatum, Machaerium villosum, Copaifera langsdorffii, Persea major and Cassia ferruginea) except Calycorectes acutatus, present bigger diameters, and their individual adults predominate in the forest canopy, increasing the basal area and presenting a density of smaller individuals in the lower diametric classes. In the evaluated interval, only D. cuneatus altered their distribution pattern (Group1-Group2), while the others increased. In Group1 the main dispersion syndrome is anemochory or autochory, while in Group2 the zoochory syndrome predominates. As the fragment presents a small area, elongated form and semi-urban location associated to a regime of intense disturbances, which may have caused a decrease of the fauna disperseres, compromising the recruitment rate.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

57

Germinação de espécies arbóreas de floresta estacional decidual do vale do rio Paranã em Goiás após três tipos de armazenamento por até 15 meses/ Germination of tropical dry forest tree species of Paranã river basin, Goiás state, after three types of storage and up to 15 months

Lima, Victor Vinícius Ferreira de; Vieira, Daniel Luís Mascia; Sevilha, Anderson Cássio; Salomão, Antonieta Nassif
2008-09-01

Resumo em português Em florestas deciduais a dispersão de sementes ocorre principalmente na estação seca e a germinação no início da estação chuvosa. O atraso das primeiras chuvas e a ocorrência de veranicos são importantes causas de mortalidade de sementes e plântulas. Armazenar sementes e plantá-las na estação chuvosa poderia aumentar a germinação e a sobrevivência de plântulas. Para isso é necessário verificar se as sementes mantêm sua germinabilidade após armazename (mais) nto. No presente estudo, investigamos se sementes de espécies arbóreas de floresta decidual alteram sua germinabilidade após i) serem armazenadas em condições naturais por três e 15 meses, e ii) em banco de germoplasma a -20 e -196 ºC. Coletamos sementes de 19 espécies de florestas estacionais deciduais do vale do rio Paranã, Goiás, nos meses de agosto a outubro de 2005. Um lote foi separado para a realização do teste de germinação, logo após a coleta. Uma quantidade deste lote permaneceu em câmaras a -20 ºC e outra foi imersa em nitrogênio liquido por 72 horas. Outros dois lotes foram armazenados em condições naturais por três e 15 meses antes do teste de germinação. Após três meses de armazenamento, apenas duas espécies, Cordia trichotoma (73 para 38%) e Copaifera langsdorffii (85 para 65%), reduziram sua germinabilidade. Após 15 meses, três espécies reduziram significativamente sua germinabilidade, Cordia trichotoma (73 para 5%), Cavanillesia arborea (77 para 12%) e Anadenanthera colubrina (93 para 76%), e duas espécies, Aspidosperma pyrifolium e Tabebuia impetiginosa, perderam completamente sua germinabilidade. As temperaturas -20 e -196ºC reduziram a germinabilidade de uma espécie cada, Tabebuia impetiginosa (90 para 70%) e Aspidosperma pyrifolium (90 para 43%), respectivamente. O ambiente natural e o armazenamento a -20 e -196ºC se mostraram eficazes quanto à preservação das qualidades fisiológicas de sementes de grande parte das espécies arbóreas de florestas estacionais deciduais do vale do rio Paranã, sendo alternativas para a conservação exsitu e para aumentar a germinação em campo em projetos de restauração via semeadura direta. Resumo em inglês Seed dispersal in tropical deciduous forests occurs mostly in the dry season and germination at the onset of the rainy season. The delay of the first rains and dry spells are major mortality factors in dry forest regions. Storing seeds to plant during the constant rains could increase germination and seedling survival. We investigated the germination percentage of deciduous forest tree species after being stored i) at -20 ºC and -196 ºC (liquid nitrogen), and ii) at nat (mais) ural conditions for three and 15 months. Seeds of 19 tree species of deciduous forests of Paranã river basin, Goiás state, were collected from August to October 2005. Two experiments were run: i) storage for three and 15 months in brown bags at environmental temperature, ii) storage for 72 hours at -20 ºC cameras, liquid nitrogen (-196 ºC) and a control. Storage at environmental temperature decreased germination of only two species after three months, Cordia trichotoma (73 to 38%) and Copaifera langsdorffii (85 to 65%). Three species decreased germination after 15 months (Cordia trichotoma, 73 to 5%; Cavanillesia arborea, 77% to 12%; and Anadenanthera colubrina, 93% to 76%) and two species, Aspidosperma pyrifolium and Tabebuia impetiginosa, lost completely their germination. Temperatures -20 and -196 ºC decreased germination of only one species each, Tabebuia impetiginosa (90 to 70%) and Aspidosperma pyrifolium (90 to 43%), respectively. In general, environmental temperature storage up to 15 months and -20 and -196 ºC storage were efficient to preserve seed germinability of many dry forest tree species from Paranã river basin. These are feasible options to ex situ conservation and to increase germination for direct seeding strategies of restoration.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

58

Estudo ultraestrutural do colo uterino de ratas ooforectomizadas após aplicação de óleo de copaíba/ Ultraestrutural study of the effects of copaíba oil in uterus colo of rats submitted to bilateral oophorectomy

Brito, Nara Macedo Botelho; Kulay-Júnior, Luiz; Simões, Manuel de Jesus; Mora, Oswaldo Alves; Diniz, José Antônio; Lamarão, Luciana Garcia
2000-12-01

Resumo em português Em virtude da extensa utilização empírica do óleo de copaíba em tratamentos ginecológicos, este trabalho visa realizar um estudo ultraestrutural do colo uterino de ratas após aplicação deste óleo. Foram utilizadas 12 ratas adultas distribuídas em 4 grupos: Água, Milho, Padrão e Copaíba. Os animais foram submetidos a ooforectomia bilateral e após 21 dias foi iniciada a aplicação das substâncias. A eutanásia foi realizada em datas pré-detreminadas (7º, (mais) 14º e 21º dias). Os grupos Padrão, Água e Milho apresentaram epitélio com duas a três fileiras de células poliédricas e núcleos de diferentes tamanhos e formas. Já no grupo copaíba, o epitélio era constituído de várias fileiras de células (8 a 10 fileiras). Concluiu-se que o óleo de copaíba promoveu aumento de fileira de células da camada epitelial com queratinização no colo uterino de ratas ooforectomizadas. Resumo em inglês In Amazônia there are a lot of plants used alternatively for diseases. The copaíba oil, extract from a tree called Copaifera, has shown great importance in this context. By vaginal route is apllied for therapeutic of cervicitis and leucohrrea. Because of the large empirically employment of this oil in gynecological treatment, the present study objective to study ultraestruturally the effect of this substance in the rats uterus colo. It was used 12 females rats, adults, (mais) distributed in four groups: copaíba oil, corn oil, water and control. All the animals were submitted to bilateral oophorectomy and after twenty days began the substances application. The animals were killed in pre-determined time periods (7, 14 and 21 days). The corn oil, water and control groups showed epithelium with two or three cells filers and copaíba group showed epithelium with eight or tem. It was concluded that copaíba oil promoted an increase in the number of epithelial cells with queratinization in the oophorectomized rats.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

59

A flora melitófila de uma área de dunas com vegetação de caatinga, Estado da Bahia, Nordeste do Brasil/ The bee flora of caatinga vegetation on sand dunes in Bahia State, Northeastern Brazil

Rodarte, Ana Tereza Araújo; Silva, Fabiana Oliveira da; Viana, Blandina Felipe
2008-06-01

Resumo em português As espécies melitófilas de uma área de caatinga foram caracterizadas quanto à morfologia e recursos florais, floração e abelhas visitantes. As coletas foram realizadas, durante quatro dias consecutivos, em fevereiro, abril, junho, agosto, outubro e dezembro/2000 (10º47'37'S e 42º49'25'W). A área foi percorrida das 06:00 às 17:00 h, seguindo dois transectos paralelos (com 450 m × 100 m e 550 m × 100 m) e distando 50 m entre si, abrangendo 10 ha. As 42 e (mais) spécies melitófilas identificadas (55% da flora local) foram visitadas por 2.924 indivíduos de 41 espécies abelhas. As famílias Caesalpiniaceae e Malpighiaceae foram as mais visitadas. As espécies predominantemente visitadas por 35 espécies de abelhas, correspondendo a 78% do total de indivíduos foram: Byrsonima blanchetiana Miq., Copaifera coriacea Mart., Senna macranthera, Peltogyne pauciflora Benth., Senna gardneri (Benth.) H.S. Irwin & Barneby, Serjania comata, Mouriri pusa (Gardner), Jatropha mutabilis (Pohl.) Baill., Maytenus rigida Mart. e Turnera calyptrocarpa Urb. (24% da flora apícola). A produção de flores dessas espécies representou 95% do total. Em geral, os aspectos básicos da morfologia floral das espécies: pequenas, dispostas em inflorescências, zigomorfas, de cores alva e rosa, monoclinas e com deiscência longitudinal das anteras, não diferiram em relação à flora local, corroborando o seu caráter generalista. O predomínio de interações generalistas deve-se à abundância local de abelhas eussociais nativas (Meliponinae) e Apis mellifera. Embora a produção de flores tenha sido maior na estação chuvosa, as abelhas foram mais abundantes no período seco, indicando que o recurso não limitou a atividade das abelhas. As plantas do estrato arbustivo e herbáceo floresceram mais intensamente no período seco e chuvoso, respectivamente, gerando um grau de compartimentalização no padrão de uso dos recursos pelas abelhas. Esse padrão pode favorecer a manutenção das abelhas solitárias, de pequeno porte, incapazes de competir eficientemente com abelhas eussociais com alta capacidade de comunicação e exploração dos recursos mais abundantes como Apis mellifera. Os resultados indicaram que não apenas a composição florística, mas a estratificação e a forte sazonalidade da floração foram determinantes da composição e do padrão local de uso de recursos pelas abelhas em caatinga. Resumo em inglês The plant species in an area of caatinga vegetation (10º47'37'S and 42º49'25'W) were surveyed to identify flower morphology, available floral resources, flowering characteristics, and visiting bee species. Collections were made for four consecutive days in February, April, June, August, and December/2000. The area was surveyed between 06:00 and 17:00 h by following two parallel transects (450 m × 100 m and 550 m × 100 m), 50 m apart (total of 10 hectares). The (mais) 42 plant identified (55% of the local flora) were visited by a total of 2924 bees belonging to 41 species. The plant families Caesalpiniaceae and Malpighiaceae were the most frequently visited. The plant species most often visited by 35 species of bees (78% of the total number of bees surveyed) were: Byrsonima blanchetiana Miq., Copaifera coriacea Mart., Senna macranthera, Peltogyne pauciflora Benth., Senna gardneri (Benth.) H.S. Irwin & Barneby, Serjania comata, Mouriri pusa (Gardner), Jatropha mutabilis (Pohl.) Baill., Maytenus rigida Mart. and Turnera calyptrocarpa Urb. (24% of the total bee flora). These plant species were responsible for 95% of total flower production during the study period. Generally, the basic floral morphology of these species consisted of small, white to pink, zygomorphic flowers displayed in inflorescences, monoclinous, with longitudinal anthers dehiscence; this morphology was very similar to that of the flora, suited to generalist pollinators. The predominance of generalist interactions reflects the local abundance of stingless bees (Meliponinae) and Apis mellifera. Although flower production was greatest during the rainy season, bees were more abundant during the dry season. This indicates that bee activity was not limited by the availability of floral resources. Plants of the shrub stratatum flowered more intensely during the dry season, while herbaceous plants did so during the rainy season. This created a degree of compartmentalization of floral resources for the bees. This flowering pattern tends to favor small, solitary bees that cannot compete efficiently with eusocial bees (such as Apis mellifera) that have great capacity for communication and for exploiting the most abundant resources. The results indicate that it is not only the composition of the floral resources, but also the stratification and strong seasonal nature of flowering that influences the composition and local use by bees in caatinga vegetation.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)