Sample records for connecticut
from WorldWideScience.org

Sample records 1 - 2 shown.



1

Resultados preliminares da utilização de cultivos de anéis de traquéia para o estudo de estirpes brasileiras do vírus da bronquite infecciosa das galinhas/ A preliminary use of tracheal organ cultures for evaluating Brazilian infectious bronchitis virus strains

Epiphanio, E.O.B.; Martins, N.R.S.; Resende, J.S.; Pinto, R.G.; Jorge, M.A.; Souza, M.B.; Caccioppoli, J.; Cardozo, R.M.
2002-04-01

Resumo em inglês Tracheal organ cultures (TOC) were prepared and used for evaluating four Brazilian isolates of infectious bronchitis virus (IBV). IBV field isolates and vaccine strains were titrated in TOC and results compared to those from chicken embrionated eggs. Serum neutralization (SN) employing IBV strain-specific serum was performed for evaluating relationships between isolates. Titration results of tests performed in TOC or eggs were in mutual agreement and were considered for v (mais) alidating the adapted TOC methodology as alternative for virological studies in our laboratory. Sera specific to M41 (Massachusetts) or A5968 (Connecticut) did neutralize their respective IBV strains only. Field strains 208 and 29-78 specific sera did neutralize Massachusetts serotype strains M41 and H120, but PM2 serum did only M41. Strain PM4 specific serum did not neutralize any of the reference IBV analyzed, including M41, A5968 and H120 and may indicate that the isolate is serologically different from the Massachusetts serotype, currently adopted for vaccine strains in Brazil.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

2

Melhoramento do milho: II - Germoplasma utilizado nos trabalhos de seleção

Viegas, G. P.; Krug, C. A.
1952-09-01

Resumo em português No trabalho de melhoramento de milho que, a partir de 1932, vem sendo conduzido pelo Instituto Agronômico de Campinas, procurou-se obter linhagens das mais diversas procedências e origens, tendo em vista a diversificação do material genético a ser eventualmente utilizado. Neste sentido, foram feitos esforços com o intuito de introduzir, no Estado de São Paulo, sementes de variedades, linhagens e híbridos cultivados alhures. Até o ano de 1951, haviam sido recebida (mais) s 1405 amostras, a maior parte das quais provenientes dos Estados Unidos e do próprio país. Da Colômbia, Peru e Bolívia, também foi recebido muito material. Ultimamente, deram ingresso numerosos híbridos efetuados pela Oficina de Estúdios Especiales, na Colômbia e no México, cruzando híbridos simples sintetizados naqueles países, com híbridos simples obtidos no Brasil. As variedades de milho amarelo-duro introduzidas, que melhor se portaram na coleção anualmente plantada, e onde foram feitas observações preliminares sobre o comportamento, nas nossas condições, foram incluídas em ensaios instalados em Campinas, Ribeirão Prêto e Pindorama. Dentre elas, salientaram-se as var. 1-Catêto; 333-Creole Yellow Flint e 417-Assis Brasil. Igualmente, as variedades amarelo-dente mais promissoras foram também ensaiadas, destacando-se: 373-Itaici e 986-Tuxpan. Mais de 50 variedades foram autofecundadas com o intuito de serem obtidas boas linhagens. De 20 variedades, existem linhagens na nossa coleção. A maior parte destas linhagens, no que concerne a milho duro-ama-relo, provém da var. Catêto. Dentre elas, podemos mencionar a L. 483, que apresenta bons caracteres agronômicos e capacidade específica e geral de combinação, igualmente, muito satisfatória. Outros investigadores, no país, também obtiveram boas linhagens derivadas dêsse milho. Dentre as variedades amarelo-dente, foi isolada, em Campinas, a L. 2233 da var. 739-Tuxpan. Em Ipanema, foram obtidas linhagens muito promissoras derivadas do mesmo milho. Cumpre ressaltar ainda que, em Viçosa, do milho Tuxpan, foi isolada a L. 94-956, cujo comportamento é muito satisfatório. De par com as variedades, foram introduzidas também linhagens puras. Em 1941 e 1942, houve oportunidade de conseguir amostras de 153 linhagens nos Estados Unidos, obtidas nos principais centros de melhoramento do cereal em Wisconsin, Iowa, Mississippi, Illinois, Connecticut e North Carolina. De todo êsse material, apenas as conhecidas linhagens norte-americanas 38-11 e Hy portaram-se de modo relativamente satisfatório, nas nossas condições. O milho de procedência norte-americana é, em geral, muito precoce e tem pouca palha, o que o torna muito sujeito ao ataque do caruncho e da traça. De outras procedências, como da Argentina, por exemplo, também foram obtidas algumas linhagens. Com exceção das recebidas de outros centros do próprio país, devotados ao melhoramento do milho, - notadamente Viçosa, Piracicaba e Ipanema - as demais linhagens recebidas não se portaram bem nas nossas condições. Foram introduzidas ainda amostras de sementes de híbridos. Queremos nos referir especialmente às remessas feitas dos Estados Unidos, diretamente, ou por intermédio de firmas locais, interessadas. Êstes híbridos portaram-se, todos êles, muito mal. Atualmente, está sendo observado o comportamento dos híbridos simples sintetizados no México e na Colômbia, cruzados com híbridos obtidos no Brasil. Resumo em inglês In order to diversify the maize germplasm utilized in the breeding work conducted at the Instituto Agronômico, at Campinas, São Paulo, Brazil, efforts were made to obtain corn samples from the most diversified origins. Seeds of numerous varieties, inbred lines and hybrids were introduced and their performance observed under local conditions. Until 1951, a total of 1405 samples were introduced, most of them being derived from various parts of Brazil. From the United Stat (mais) es, Colombia, Peru, Bolivia also numerous samples were obtained. Recently, single crosses from Colombia, and Mexican inbred lines crossed to Brazilian single hybrids, were introduced, and are being tested under local conditions. Yellow flint and dent varieties were tested in trials conducted at Campinas, Ribeirão Preto and Pindorama. The best ones were : 1-Catêto, 333-Creóle Yellow Flint and 417-Assis Brasil among the yellow flint and 373-Itaici and 986-Tuxpan, among the yellow dent varieties. Plants from more than 50 distinct varieties were selfed to get inbred lines. Lines from about 20 varieties are still available. Most of these were derived from Catêto, some having now been selfed for 20 generations. L. 483 is the most outstanding one, as it has excelent agronomic features and high combining ability. From Tuxpan the line L. 94-956 was obtained in Viçosa, Minas Gerais. In the years 1941 and 1942, 153 inbred lines and many hybrids were introduced from the United States. Their performance is not satisfactory under local conditions, as they are too early, the ears having poor husk protection.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)