Sample records for cocoa beans
from WorldWideScience.org

Sample records 1 - 7 shown.



1

Qualidade nutricional das proteínas de cupuaçu e de cacau/ Nutritional quality of cupuassu and cocoa proteins

Lopes, Alessandra Santos; Pezoa-García, Nelson Horacio; Amaya-Farfán, Jaime
2008-06-01

Resumo em português O cupuaçu desponta como um importante produto agrícola de exportação com ampla perspectiva de mercado devido à aceitação que desfruta entre os consumidores regionais e de outros estados do país. O presente estudo teve como objetivo avaliar a qualidade protéica de produtos em pó formulados com amêndoas torradas de cupuaçu e cacau. De acordo com o ensaio biológico Net Protein Ratio, realizado a partir de dietas contendo 10% de proteína na proporção de cupua� (mais) �u ou cacau:caseína (50:50), verificou-se que as proteínas do cupuaçu apresentaram valor biológico significativamente superior (p Resumo em inglês Cupuassu has arisen as an important agricultural export product, with widespread market perspectives due to its acceptance amongst regional consumers and those in other Brazilian states. The objective of the present study was to evaluate the protein quality of powdered products formulated with roasted cupuassu and cocoa beans. According to the net protein ratio determined in biological trials using diets containing 10% protein in a 50:50 proportion of cupuassu or cocoa:ca (mais) sein, it was shown that cupuassu proteins presented a significantly superior (p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

2

Proteínas da semente de cupuaçu e alterações devidas à fermentação e à torração/ Proteins of cupuacu seeds (Theobroma grandiflorum Schum) and changes during fermentation and roasting

Carvalho, Ana Vânia; García, Nelson Horacio Pezoa; Farfán, Jaime Amaya
2008-12-01

Resumo em português O cupuaçu (Theobroma grandiflorum Schum) é um fruto típico da região Norte do Brasil, com grande potencial econômico. Atualmente, é a polpa que mobiliza e sustenta a produção, a industrialização e a comercialização deste fruto. A semente, um subproduto da industrialização da polpa, apresenta teor considerável de proteínas. Entretanto, muito pouco ou nada se conhece acerca de seu perfil eletroforético, de aminoácidos e de principais frações, uma vez que (mais) ocorrem alterações protéicas devidas aos processos de fermentação e torração. O objetivo deste estudo consiste em caracterizar as alterações da proteína da semente, da amêndoa fermentada e da amêndoa torrada de cupuaçu, mediante a análise dos perfis eletroforéticos, dos aminogramas característicos e do fracionamento da proteína em diferentes solubilidades. A fermentação e a torração provocaram uma ligeira redução nos teores de proteína total e aminoácidos totais, quando comparados aos teores das sementes não submetidas a essas etapas do processamento. Observou-se, para a semente e a amêndoa fermentada, a presença de quatro bandas protéicas principais de 20,4, 33,6 e 38,7 kDa. Para as amêndoas que foram submetidas ao processo de fermentação e, em seguida, à torração, observou-se a presença de uma única banda protéica forte, com peso molecular aparente de 21,0 kDa. As extrações para fracionamento das proteínas em diferentes solubilidades não resultaram em frações protéicas puras. Observou-se a presença de quatro bandas principais em todas as frações protéicas isoladas, sendo a banda de peso molecular próximo a 21,1 kDa a mais abundante em todos os casos. Esta banda é aparentemente muito semelhante à fração albumina do cacau, que apresenta peso molecular aparente de 21,3 kDa. Resumo em inglês Cupuacu (Theobroma grandiflorum Schum) is a native fruit from northern Brazil with great economic potential. Its productive chain is currently sustained by the pulp market. The seed, treated as a by-product of the pulp industrialization, presents considerably protein content. However, very little or nothing is known on its eletrophoretic profile and amino acids, the main protein fractions and alterations due to the fermentation and toasting. The objective of this study wa (mais) s to characterize protein changes in cupuacu seeds, fermented beans, and roasted beans, through the analysis of the electrophoresis profiles, aminograms, and protein fractionations based on solubility. Fermentation and roasting promoted a slight reduction in the total protein and amino acid contents. The seeds and fermented beans presented four main protein bands with 15.5, 20.4, 27.1, and 33.6 kDa. The beans submitted to fermentation followed by roasting presented only one strong protein band with an apparent molecular weight of 21.0 kDa. The extractions for protein fractionation based on solubility did not result in pure protein fractions. Four main bands were observed in all isolated protein fractions. The 21.1 kDa band was predominant in all cases. This band is apparently very similar to the albumin fraction of cocoa, whose apparent molecular weight is 21.3 kDa.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

3

Predição de frações digestíveis e valor energético de subprodutos agrícolas e agroindustriais para bovinos/ Prediction of digestible fractions and energy value of agriculture and agroindustrial byproducts for bovines

Azevêdo, José Augusto Gomes; Valadares Filho, Sebastião de Campos; Detmann, Edenio; Pina, Douglas dos Santos; Pereira, Luiz Gustavo Ribeiro; Oliveira, Karla Alves Magalhães de; Fernandes, Henrique Jorge; Souza, Natália Krish de Paiva
2011-02-01

Resumo em português Objetivou-se avaliar equações adotadas pelo NRC e Detmann para estimar o conteúdo energético de subprodutos agrícolas e agroindustriais. Foram avaliados subprodutos de abacaxi, cacau, dendê, feijão, girassol, goiaba, mandioca casca, mandioca haste, mandioca rama, mamão, manga, maracujá, nabo e farelo de glúten de milho. Todos os animais receberam silagem de milho e mistura ureia/sulfato de amônio (9:1) para que as rações com os dois níveis de cada subproduto (mais) se mantivessem isonitrogenadas. Entre os modelos de predição da proteína bruta digestível (PBad), o modelo Detmann 2 apresentou diferença pelo teste de hipótese para nulidade conjunta (THNC), enquanto as estimativas pelos modelos NRC e Detmann 1 foram similares às obtidas pelas observações in vivo. Para extrato etéreo digestível (EEad), carboidratos não-fibrosos digestíveis (CNFad) e fibra em detergente neutro digestível (FDNd), as estimativas obtidas pelo modelo proposto pelo NRC diferiram, pelo teste de significância da hipótese de nulidade conjuntas, das observações in vivo e o melhor ajustamento foi obtido pelo modelo sugerido por Detmann, tendo como consequência, o valor. No entanto, entre todas as frações digestíveis, a FDNd foi a que apresentou maior dispersão dos pontos em relação à linha de equalidade. Os modelos NRC e Detmann podem ser considerados eficientes em predizer nutrientes digestíveis totais (NDT) e energia digestivel (ED), pois as estimativas não diferem dos valores observados, contudo apresentam também grande dispersão dos pontos em relação à linha de equalidade. Recomenda-se usar os modelos propostos por Detmann para predizer as frações digestíveis da PB, EE e dos CNF em subprodutos agrícolas e agroindustriais. Resumo em inglês The objective of this work was to evaluate the equations adopted by the NRC and Detmann to estimate the energy content of agricultural and agroindustrial byproducts. It was evaluated byproducts of pineapple, cocoa, palm oil, beans, sunflower, guava, cassava bark, cassava stem, raw cassava, papaya, mango, passion fruit, turnip and corn gluten meal. All animals received corn silage and the mixture urea/ammonium sulfate (9:1) so rations with the two levels of each byproduct (mais) remained isonitrogenous. Among the models for digestible crude protein prediction (CPad), Detmann 2 model presented difference by the hypotheses test for joint null while estimates by the NRC and Detmann 1 models were similar to those obtained by in vivo observations. For digestible ether extract (EEad), digestible non-fibrous carbohydrates (NFCad) and digestible neutral detergent fiber (NDFd), the estimates obtained by the model proposed by the NRC differed, by the test of significance of hypotheses of joint null, to in vitro observations and the best adjustment was obtained by the model suggested by Detmann, having as a consequence, the value. However, among all the digestible fractions, NDFd presented the greatest dispersion of points regarded to equality line. NRC and Detmann models can be considered as efficient in predicting total digestible nutrients (TDN) and digestible energy (DE) because the estimates do not differ from the observed values, however they also present great dispersion of the points regarded to equality line. It is recommended to use the models proposed by Detmann for predicting digestible fractions of crude protein, ether extract and non fibrous carbohydrates on agriculture and agroindustrial byproducts.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

4

Influência da fermentação e secagem de amêndoas de cacau no teor de compostos fenólicos e na aceitação sensorial/ Influence of cocoa beans fermentation and drying on the polyphenol content and sensory acceptance

Efraim, Priscilla; Pezoa-García, Nelson Horácio; Jardim, Denise Calil Pereira; Nishikawa, Amanda; Haddad, Renato; Eberlin, Marcos Nogueira
2010-05-01

Resumo em português Devido à importância das etapas de fermentação e secagem das sementes de cacau para as características sensoriais dos produtos finais obtidos, bem como para os teores de compostos fenólicos presentes, objetivou-se avaliar a influência do tempo de fermentação e do tipo de secagem de sementes de cacaueiro nos teores de compostos fenólicos, bem como nas características físicas, físico-químicas e sensoriais dos produtos obtidos. Os tempos de fermentação avalia (mais) dos foram 3 e 7 dias e a secagem foi realizada naturalmente (ao sol) e artificialmente (estufa com circulação de ar a 35 °C). Os teores de compostos fenólicos totais, flavan-3-óis e procianidinas foram quantificados durante a fermentação e ao término da secagem. Constatou-se que grande parte dos compostos fenólicos foi perdida durante a fermentação, sendo que as amêndoas fermentadas por 3 dias apresentaram teores maiores dos compostos fenólicos avaliados. Contudo, observou-se nessa condição uma significativa perda na qualidade sensorial. A secagem natural das amêndoas fermentadas permitiu maior retenção de polifenóis e também melhores resultados sensoriais em relação à secagem artificial. A avaliação sensorial realizada com uma bebida formulada com o liquor obtido dos diferentes tratamentos demonstrou que a amostra fermentada durante 7 dias apresentou as melhores notas sensoriais, sendo que o produto seco naturalmente foi o mais bem avaliado em relação aos demais. Resumo em inglês Due to the importance of the fermentation and drying stages in the sensory characteristics and in the phenolic content of cocoa products, the present study was carried out to evaluate the influence of the fermentation period and the type of drying of cocoa seeds, on the phenolic compounds content, as well as on the physical, physicochemical, and sensorial characteristics of the products. The periods of fermentation were 3 and 7 days and the fermented beans were dried natu (mais) rally (sun drying) and artificially (under air circulation at 35 °C). The total phenolic compounds, flavan-3-ols and procyanidins content were quantified during fermentation and after drying. It was observed that most of the phenolic compounds were lost during the fermentation, and the beans that fermented for 3 days had higher levels of phenolic compounds. However, a significant loss in the sensorial quality was observed. The natural drying provided higher retention of phenols and the best sensorial results in comparison with artificial drying. The sensory evaluation, performed with a drink formulated with the liquor obtained from different treatments, showed that the product that fermented for 7 days presented the best sensorial notes, and the product dried naturally was considered the best among the others.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

5

COMPARAÇÃO DAS PROPRIEDADES REOLÓGICAS DA MASSA DE CACAU TORRADA CONVENCIONALMENTE E POR MICROONDAS

GILABERT ESCRIVÁ, M. Victória; PEZOA GARCÍA, N. Horacio; MARSAIOLI JR, Antonio
1998-05-01

Resumo em português Foram comparados, em termos de viscosidade, os efeitos de dois tipos de torração de cacau: convencional, em forno elétrico rotativo e por microondas, em protótipo de forno rotativo contínuo (2450MHz). O cacau foi torrado tanto em amêndoas inteiras quanto fragmentadas em "nibs" nos dois equipamentos. A variável do tratamento por microondas foi a densidade de potência aplicada às amêndoas inteiras (254,45 a 290,80 Wh/kg) e aos "nibs" (227,27 a 262,23 Wh/kg), com t (mais) empo de residência constante (10 min). A variável do tratamento convencional foi o tempo de torração das amêndoas (40 a 44 min) e dos "nibs" (34 a 38 min), com temperatura na camisa do forno constante (150°C). A viscosidade foi medida em reômetro Brookfield (mod. RV-DVIII) a 40°C. A viscosidade plástica das amostras torradas em microondas foi, em geral, menor que a daquelas torradas em forno elétrico rotativo. As amostras torradas em fragmentos ("nibs") também apresentaram menor viscosidade em relação àquelas torradas em amêndoas inteiras em forno elétrico. Quando o tratamento foi por microondas, a viscosidade das amostras obtidas de amêndoas torradas inteiras foi menor que a das amostras torradas em "nibs". A análise sensorial realizada com três especialistas mostrou que o sabor das amostras torradas em microondas foi similar ao do "líquor" obtido da torração convencional, levando em consideração a redução de tempo deste novo processo. Resumo em inglês Two kinds of roasting cocoa system: conventional batch method in electrical oven, and by microwaves, in a continuous microwave rotary applicator (2450MHz), were compared with respect to viscosity. Cocoa was roasted in whole beans and in nibs. The variable used in the microwave treatment was the power density applied to the whole beans (254,45 to 290,80 Wh/kg) and to the nibs (227,27 to 262,23 Wh/kg), with a constant holding time of 10 minutes. The variable used in the con (mais) ventional roasting process was the roasting time of the beans (40 to 44 min) and the nibs (34 to 38 min), with constant temperature in the jacket of electric oven (150°C). Viscosity was measured in a Brookfield rheometer (mod RV-DVIII) at 40°C. In general, the plastic viscosity of the microwaved samples was lower than that of the conventional roasted samples. Also the nibs showed lower viscosities than the whole beans when roasted in the electric oven. The viscosity of the samples roasted in the microwave oven was lower in the whole beans than in the nibs. The product was sensorially evaluated by three experts in cocoa flavour, and it was shown that the flavour of the microwave roasted products was similar to that of the conventionally roasted products, with the advantage of a reduction in process time.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

6

Avaliação química de substitutos de cacau e estudo sensorial de achocolatados formulados/ Chemical evaluation of cocoa substitutes and study of formulated chocolate drink powder

Medeiros, Magda Leite; Lannes, Suzana Caetano da Silva
2009-06-01

Resumo em português O cacau em pó é obtido a partir da pasta de cacau preparada com sementes que passaram pelos processos de fermentação, secagem, torrefação, moagem e prensa (para separação da manteiga de cacau), podendo ser utilizado em formulações de achocolatados que além de cacau em pó são produzidos com: açúcar, aroma e outros ingredientes constantes da formulação. Nos países líderes de produção, o preço do cacau é afetado pelo clima, pragas e fatores políticos. (mais) Substitutos de cacau são substâncias que podem entrar na formulação de produtos que utilizam cacau em pó para substituí-lo parcial ou totalmente, com a finalidade de diminuição do preço do produto final, garantia de qualidade dos produtos dependentes de cacau na entressafra ou mesmo na possível ausência do cacau em pó no mercado. Os substitutos escolhidos para avaliação foram: farinha tostada de alfarroba, cupuaçu em pó, composto da semente de cacau e aromas. Os objetivos foram: avaliar quimicamente (composição centesimal e teor de metilxantinas) os substitutos de cacau e sensorialmente, sob a forma de achocolatados. Concluiu-se que os produtos analisados apresentam diferentes propriedades químicas daquelas do cacau, sendo que os aromas foram preferidos nos testes sensoriais. Resumo em inglês Cocoa powder is obtained from cocoa paste. It is prepared with fermented, dried, toasted, grinded and pressed beans (to separate cocoa butter). It can be used to produce chocolate powders, which contains cocoa powder, sugar, chocolate flavor and other ingredients. In the major producing countries, the price of cocoa by-product is affected by the climate, plagues and political factors. Cocoa substitutes are substances that can total or partially substitute cocoa powder in (mais) the formulation of different products with the purpose of reducing the final price, guaranteeing the quality in the off season or even during a possible short availability of cocoa powder in the market. The substitutes chosen for evaluation include toasted carob powder, cupuaçu powder, cocoa seed compounds and aroma. The objectives of this study were evaluate chemical parameters (centesimal composition and methylxanthines) of the cocoa powder substitutes and carry out a sensorial evaluation of chocolate drink powders formulated with the substitutes. As results, the substitutes showed different chemical properties from those of cocoa, and the sensorial tests showed preference to the aroma.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

7

Adubação da batatinha experiências com adubos minerais e farelo de cacau/ Fertilizer experiments with potatoes trials with mineral fertilizers and cocoa-shell meal

Boock, O. J.; Freire, E. S.
1960-01-01

Resumo em português No período de 1946 a 1950 foram conduzidas duas experiências era Tupi Paulista e três em Mococa, para estudar o efeito, sôbre a produção da batatinha (Solarium tuberosum L.), da adição de farelo de cacau a adubações minerais contendo 40-120-60 e 80-120-60 kg/ha de N-P(2)0(5)-K(2)0. O farelo em apreço, que é um dos subprodutos da indústria do chocolate e consta principalmente de películas das amêndoas (sementes) de cacau, foi adicionado em doses que variaram (mais) entre 255 e 1100 kg/ha. A adição de farelo deprimiu um pouco a produção em Tupi, sendo que a depressão foi maior no tratamento que recebeu a menor dose de nitrogênio; em Mococa seu efeito foi positivo e apreciável na presença de 80-120-60, mas praticamente nulo quando adicionado a 40-120-60. Isso parece indicar que, na sua decomposição, o farelo deprimiu as disponibilidades do solo em nitrogênio assimilável. Assim, para estudar a conveniência de sua adição, dever-se-ía empregá-lo com bastante antecedência ao plantio; para aplicá-lo ao ser este efetuado, como nas experiências relatadas, o farelo deveria ser previamente curtido. Resumo em inglês This paper reports the results obtained in five experiments conducted from 1946 to 1950 and designed to study the effect of the addition of cocoa-shell meal to mineral fertilizers supplying 40-120-60 and 80-120-60 kilograms of N-P(2)0(5-)K2O per hectare. The mentioned meal, which is a by-product of the cocoa industry and consists essentially of the shells of the cocoa beans, was applied at rates varying from 255 to 1,100 kilograms per hectare. Two of the experiments were (mais) located at Tupi Paulista and the other three at Mococa, State of São Paulo. On the average, in the Tupj experiments the addition of cocoa-shell meal reduced slightly the potato yields, the reduction being greater in the presence of the fertilizer containing the smaller quantity of nitrogen; at Mococa it increased appreciably the yield in the presence of 80-120-60, but was ineffective when added to 40 120-60. Apparently these results indicate that, during its decomposition, the cocoa-shell meal depressed the available nitrogen of the soil. To study the advantage of its addition as organic supplement to mineral fertizers, the cocoa-shell meal should be applied some time in advance of planting; for the aplication immediately before planting, as in the experiments reported, it should be previously composted.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)