Sample records for cigarettes
from WorldWideScience.org

Sample records 1 - 20 shown. Select sample records:



1

Uso de cigarros entre adolescentes de uma escola de 1º grau da cidade de São Paulo, Brasil/ Smoking habits among students of a public school of the city of S. Paulo, Brazil

Stewien, Glacilda Telles de Menezes; Marcondes, Ruth Sandoval
1979-09-01

Resumo em português Foi realizado estudo em uma escola de 1° grau da rede estadual de ensino da cidade de São Paulo (Brasil), com o objetivo de investigar o hábito de fumar cigarros entre adolescentes de 5ª a 8ª série, mediante a aplicação de um questionário a um total de 1.001 adolescentes. Os resultados mostraram que o hábito de fumar cigarros é bastante difundido entre os adolescentes, aumentando proporcionalmente da 5ª para a 8ª série. O maior aumento na proporção de fuma (mais) ntes foi verificado da 6ª para a 7ª série (8,3% para 21,5%). Observou-se que o hábito de fumar dos adolescentes atingiu, no grupo etário de 16 anos, proporções semelhantes às dos adultos, e que o hábito de fumar cigarros levou, em média, aproximadamente dois anos para se estabelecer entre os adolescentes investigados. Resumo em inglês A study was carried out at a public school of the city of São Paulo to investigate the cigarette smoking habits of 5th- to 8th-graders in 1975. Over 90 per cent of 1002 students answered a questionnaire on their smoking habits. The percentage of regular and occasional smokers increased from 8 per cent in the 5th grade to 17.5 per cent in the 8th grade. The greatest increase occurred from the 6th to the 7th grade. There was a real difference in the percentage of smokers b (mais) etween the boys and girls, particularly in the 8th grade when 36 per cent of the boys smoked half a pack of cigarettes or more per day. Boys and girls who smoked reported an interval of about two years between their first cigarette and becoming regular smokers. The paper concludes that anti-smoking programs should start in school at the 5th grade.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

2

Uso de cigarros entre adolescentes de uma escola de 1º grau da cidade de São Paulo, Brasil/ Smoking habits among students of a public school of the city of S. Paulo, Brazil

Stewien, Glacilda Telles de Menezes; Marcondes, Ruth Sandoval
1979-09-01

Resumo em português Foi realizado estudo em uma escola de 1° grau da rede estadual de ensino da cidade de São Paulo (Brasil), com o objetivo de investigar o hábito de fumar cigarros entre adolescentes de 5ª a 8ª série, mediante a aplicação de um questionário a um total de 1.001 adolescentes. Os resultados mostraram que o hábito de fumar cigarros é bastante difundido entre os adolescentes, aumentando proporcionalmente da 5ª para a 8ª série. O maior aumento na proporção de fuma (mais) ntes foi verificado da 6ª para a 7ª série (8,3% para 21,5%). Observou-se que o hábito de fumar dos adolescentes atingiu, no grupo etário de 16 anos, proporções semelhantes às dos adultos, e que o hábito de fumar cigarros levou, em média, aproximadamente dois anos para se estabelecer entre os adolescentes investigados. Resumo em inglês A study was carried out at a public school of the city of São Paulo to investigate the cigarette smoking habits of 5th- to 8th-graders in 1975. Over 90 per cent of 1002 students answered a questionnaire on their smoking habits. The percentage of regular and occasional smokers increased from 8 per cent in the 5th grade to 17.5 per cent in the 8th grade. The greatest increase occurred from the 6th to the 7th grade. There was a real difference in the percentage of smokers b (mais) etween the boys and girls, particularly in the 8th grade when 36 per cent of the boys smoked half a pack of cigarettes or more per day. Boys and girls who smoked reported an interval of about two years between their first cigarette and becoming regular smokers. The paper concludes that anti-smoking programs should start in school at the 5th grade.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

3

Experimentação e uso regular de bebidas alcoólicas, cigarros e outras substâncias psicoativas/SPA na adolescência/ Experimentation and regular use of alcoholic beverages, cigarettes and other Psychoactive Substances (PAS) during adolescence

Costa, Maria Conceição O.; Alves, Maria Vilma de Q. M.; Santos, Carlos Antonio de S. T.; Carvalho, Rosely C. de; Souza, Karine Emanuelle P. de; Sousa, Heloísa Lima de
2007-10-01

Resumo em português OBJETIVO: analisar o uso de bebidas alcoólicas, cigarros, outras substâncias psicoativas - SPA e fatores de risco entre adolescentes das escolas de um município com 500 mil/hab., Bahia/Brasil. MÉTODO: estudo transversal, com amostra aleatória, estratificada por conglomerado com adolescentes de 14 a 19 anos, totalizando 10 escolas públicas e 1.409 alunos de Feira de Santana. O instrumento auto-aplicável foi elaborado segundo a OMS e outros estudos nacionais adequado (mais) s à faixa adolescente, com rigoroso procedimento, garantindo anonimato e sigilo. RESULTADOS: 86,5% dos adolescentes consideravam-se bem informados sobre SPA, a maioria por TV, rádio e escola; 57,0% relataram uso de bebidas alcoólicas, principalmente cervejas e vinhos; 23,3% usavam cigarros e 5,2% outras SPA (cânabis, solventes e cocaína); 29,3% usavam bebidas uma a três vezes/mês e 13% todo final de semana. Na faixa de 10 a 14 anos, 47% experimentaram bebidas e 16,7% outras SPA. A razão de prevalência (RP) mostrou consumo de bebidas, cigarros e outras SPA significantemente maiores na faixa 17 a 19 anos e sexo masculino. A curiosidade foi a principal motivação; na companhia de amigos e pais; festas e casas de colegas. CONCLUSÕES: A Necessidade de institucionalização de atividades adequadas nas escolas à prevenção do uso das SPA entre jovens. Resumo em inglês OBJECTIVE: To analyze the use of alcoholic beverages, cigarettes, other psychoactive substances - PAS , among adolescents of public schools of Feira de Santana, Bahia/Brazil. METHOD: Cross sectional study with random samples, stratified in terms of conglomerate units (schools and students). The sample of the study totalled 1,409 adolescents between 14 and 19 years old from 10 public schools; 30% of the total of schools of the municipality with 500,000/inhabitants. The rep (mais) resentation of schools and students was respected. The self-report instrument was elaborated according to OMS recommendations and as used in others studies1,2,3. The data were collected according to guaranteed the anonymity of the subjects investigated. RESULTS: 86,5% of the adolescents were considered well informed on PAS; 57,0% reported alcoholic beverage consumption, mainly beers and wines; 23,3% used cigarettes and 5.2% other PAS (marijuana, solvents and cocaine); 29,3% reported drinking alcoholic beverages one to three times/month and 13% every weekend. Among subjects 10 to 14 years old, 47% reported drinking alcohol and 16.7% using other PAS. The statistics analysis showed that consumption of alcohol, cigarettes and other PAS is significantly higher among 17-19 years males. Interestingly, the main motivation for drug use is the company of friends and parents. CONCLUSIONS: implement of a drug prevention program's in schools.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

4

Experimentação e uso regular de bebidas alcoólicas, cigarros e outras substâncias psicoativas/SPA na adolescência/ Experimentation and regular use of alcoholic beverages, cigarettes and other Psychoactive Substances (PAS) during adolescence

Costa, Maria Conceição O.; Alves, Maria Vilma de Q. M.; Santos, Carlos Antonio de S. T.; Carvalho, Rosely C. de; Souza, Karine Emanuelle P. de; Sousa, Heloísa Lima de
2007-10-01

Resumo em português OBJETIVO: analisar o uso de bebidas alcoólicas, cigarros, outras substâncias psicoativas - SPA e fatores de risco entre adolescentes das escolas de um município com 500 mil/hab., Bahia/Brasil. MÉTODO: estudo transversal, com amostra aleatória, estratificada por conglomerado com adolescentes de 14 a 19 anos, totalizando 10 escolas públicas e 1.409 alunos de Feira de Santana. O instrumento auto-aplicável foi elaborado segundo a OMS e outros estudos nacionais adequado (mais) s à faixa adolescente, com rigoroso procedimento, garantindo anonimato e sigilo. RESULTADOS: 86,5% dos adolescentes consideravam-se bem informados sobre SPA, a maioria por TV, rádio e escola; 57,0% relataram uso de bebidas alcoólicas, principalmente cervejas e vinhos; 23,3% usavam cigarros e 5,2% outras SPA (cânabis, solventes e cocaína); 29,3% usavam bebidas uma a três vezes/mês e 13% todo final de semana. Na faixa de 10 a 14 anos, 47% experimentaram bebidas e 16,7% outras SPA. A razão de prevalência (RP) mostrou consumo de bebidas, cigarros e outras SPA significantemente maiores na faixa 17 a 19 anos e sexo masculino. A curiosidade foi a principal motivação; na companhia de amigos e pais; festas e casas de colegas. CONCLUSÕES: A Necessidade de institucionalização de atividades adequadas nas escolas à prevenção do uso das SPA entre jovens. Resumo em inglês OBJECTIVE: To analyze the use of alcoholic beverages, cigarettes, other psychoactive substances - PAS , among adolescents of public schools of Feira de Santana, Bahia/Brazil. METHOD: Cross sectional study with random samples, stratified in terms of conglomerate units (schools and students). The sample of the study totalled 1,409 adolescents between 14 and 19 years old from 10 public schools; 30% of the total of schools of the municipality with 500,000/inhabitants. The rep (mais) resentation of schools and students was respected. The self-report instrument was elaborated according to OMS recommendations and as used in others studies1,2,3. The data were collected according to guaranteed the anonymity of the subjects investigated. RESULTS: 86,5% of the adolescents were considered well informed on PAS; 57,0% reported alcoholic beverage consumption, mainly beers and wines; 23,3% used cigarettes and 5.2% other PAS (marijuana, solvents and cocaine); 29,3% reported drinking alcoholic beverages one to three times/month and 13% every weekend. Among subjects 10 to 14 years old, 47% reported drinking alcohol and 16.7% using other PAS. The statistics analysis showed that consumption of alcohol, cigarettes and other PAS is significantly higher among 17-19 years males. Interestingly, the main motivation for drug use is the company of friends and parents. CONCLUSIONS: implement of a drug prevention program's in schools.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

5

Cigarro "companheiro": o tabagismo feminino em uma abordagem crítica de gênero/ Cigarette as "companion": a critical gender approach to women's smoking

Borges, Márcia Terezinha Trotta; Simões-Barbosa, Regina Helena
2008-12-01

Resumo em português O artigo apresenta os principais resultados de uma pesquisa que investigou, sob a ótica crítica e de gênero e da abordagem qualitativa, os significados simbólicos e concretos do fumar feminino. Foram realizadas 14 entrevistas semi-estruturadas com mulheres tabagistas em diversas etapas do processo de cessação. O lócus da pesquisa foi um programa de tratamento do tabagismo em um hospital público do Rio de Janeiro, Brasil. Os resultados evidenciaram o quanto o cigar (mais) ro esteve imbricado em suas trajetórias sociais e de gênero, desempenhando importante papel de apoio no enfrentamento das inúmeras dificuldades de sobrevivência. Emergiu, como categoria empírica central, o "cigarro companheiro", sempre disponível para aplacar a ansiedade e a solidão, além de também ser fonte de prazer e relaxamento. O enfoque crítico de gênero evidenciou o quanto a sobrecarga de trabalho, reprodutivo e produtivo, potencializa o fumar feminino. Na assistência à saúde, para se conquistar a adesão das mulheres tabagistas ao difícil percurso da cessação, deve-se levar em conta os complexos entrelaçamentos entre as dimensões sociais e de gênero no estabelecimento da associação do cigarro a um "companheiro". Resumo em inglês This article presents the main results of a study that examined the symbolic and material meanings of women's smoking, adopting a critical and qualitative gender approach. Semi-structured interviews were held with 14 women smokers in different stages of the smoking cessation process. The research locus was a tobacco treatment program located in a public hospital in Rio de Janeiro, Brazil. The findings showed how deeply smoking is interwoven in these women's social and gen (mais) der trajectories, playing a decisive support role when they have to deal with various difficulties in life. The cigarette as a "companion" emerged as the main empirical category, as something always available to quell anxiety and loneliness, as well as a source of pleasure and relaxation. The critical gender approach evidenced how women's reproductive and productive work overload reinforces their tobacco dependency. In health care, in order to attain women smokers' adherence to the arduous cessation process, it is crucial to consider the complex relations between social and gender dimensions when cigarettes are viewed as a "companion".

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

6

Cigarro "companheiro": o tabagismo feminino em uma abordagem crítica de gênero/ Cigarette as "companion": a critical gender approach to women's smoking

Borges, Márcia Terezinha Trotta; Simões-Barbosa, Regina Helena
2008-12-01

Resumo em português O artigo apresenta os principais resultados de uma pesquisa que investigou, sob a ótica crítica e de gênero e da abordagem qualitativa, os significados simbólicos e concretos do fumar feminino. Foram realizadas 14 entrevistas semi-estruturadas com mulheres tabagistas em diversas etapas do processo de cessação. O lócus da pesquisa foi um programa de tratamento do tabagismo em um hospital público do Rio de Janeiro, Brasil. Os resultados evidenciaram o quanto o cigar (mais) ro esteve imbricado em suas trajetórias sociais e de gênero, desempenhando importante papel de apoio no enfrentamento das inúmeras dificuldades de sobrevivência. Emergiu, como categoria empírica central, o "cigarro companheiro", sempre disponível para aplacar a ansiedade e a solidão, além de também ser fonte de prazer e relaxamento. O enfoque crítico de gênero evidenciou o quanto a sobrecarga de trabalho, reprodutivo e produtivo, potencializa o fumar feminino. Na assistência à saúde, para se conquistar a adesão das mulheres tabagistas ao difícil percurso da cessação, deve-se levar em conta os complexos entrelaçamentos entre as dimensões sociais e de gênero no estabelecimento da associação do cigarro a um "companheiro". Resumo em inglês This article presents the main results of a study that examined the symbolic and material meanings of women's smoking, adopting a critical and qualitative gender approach. Semi-structured interviews were held with 14 women smokers in different stages of the smoking cessation process. The research locus was a tobacco treatment program located in a public hospital in Rio de Janeiro, Brazil. The findings showed how deeply smoking is interwoven in these women's social and gen (mais) der trajectories, playing a decisive support role when they have to deal with various difficulties in life. The cigarette as a "companion" emerged as the main empirical category, as something always available to quell anxiety and loneliness, as well as a source of pleasure and relaxation. The critical gender approach evidenced how women's reproductive and productive work overload reinforces their tobacco dependency. In health care, in order to attain women smokers' adherence to the arduous cessation process, it is crucial to consider the complex relations between social and gender dimensions when cigarettes are viewed as a "companion".

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

7

Efeitos do cigarro sobre o epitélio respiratório e sua participação na rinossinusite crônica/ Effects of cigarette smoking on the respiratory epithelium and its role in the pathogenesis of chronic rhinosinusitis

Tamashiro, Edwin; Cohen, Noam A; Palmer, James N; Lima, Wilma Terezinha Anselmo
2009-12-01

Resumo em português O crescente consumo de cigarro tem despertado preocupações com o desenvolvimento e agravamento de doenças, em especial às relacionadas ao trato respiratório. OBJETIVO: Neste artigo revisamos as evidências que apontam os efeitos da fumaça de cigarro sobre o epitélio respiratório bem como o seu papel na fisiopatogenia na rinossinusite crônica. CONCLUSÃO: Embora existam dados que fortaleçam um vínculo entre o hábito de fumar e a RSC, em seu conjunto, os estudos (mais) demonstram que deve haver grande dependência da susceptibilidade individual na resposta à fumaça de cigarro para o desenvolvimento ou manutenção da RSC. Uma adequada orientação a esses pacientes para interrupção do consumo de cigarro, assim como o reforço de campanhas de combate ao tabagismo, são de extrema importância para o controle dessa doença de grande impacto sócio-econômico. Resumo em inglês The increasing consumption of cigarettes has aroused concerns about the development and worsening of diseases, particularly those related to the respiratory tract. AIM: In this paper we review the evidence suggesting the effects of cigarette smoking on the respiratory epithelium and its role in the pathogenesis in chronic rhinosinusitis. CONCLUSIONS: Although there is evidence supporting a link between smoking and CRS, studies suggest that there might be individual suscep (mais) tibility to cigarette smoking causing the development and/or maintenance of CRS. Proper patient educations to quit smoking as well as reinforcement of antismoking campaigns are extremely important to control this disease of major socio-economic impact.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

8

A exposição à fumaça de cigarro intensifica a remodelação ventricular após o infarto agudo do miocárdio/ Cigarette smoke exposure intensifies ventricular remodeling process following myocardial infarction

Zornoff, Leonardo A. M.; Matsubara, Beatriz B.; Matsubara, Luiz S.; Minicucci, Marcos F.; Azevedo, Paula S.; Camapanha, Álvaro O.; Paiva, Sergio A. R.
2006-04-01

Resumo em português OBJETIVO: Analisar os efeitos da exposição à fumaça de cigarro (EFC) na remodelação ventricular após o infarto agudo do miocárdio (IAM). MÉTODOS: Ratos foram infartados e distribuídos em dois grupos: C (controle, n = 31) e F (EFC: 40 cigarros/dia, n = 22). Após seis meses, foi realizado ecocardiograma, estudo funcional com coração isolado e morfometria. Para comparação, foi utilizado o teste t (com média ± desvio padrão) ou teste de Mann-Whitney (c (mais) om mediana e percentis 25 e 75). RESULTADOS: Os animais EFC apresentaram tendência a maiores áreas ventriculares diastólicas (C = 1,5 ± 0,4 mm², F = 1,9 ± 0,4 mm²; p = 0,08) e sistólicas (C = 1,05 ± 0,3 mm², F = 1,32 ± 0,4 mm²; p = 0,08) do VE. A função sistólica do VE, avaliada pela fração de variação de área, tendeu a ser menor nos animais EFC (C = 31,9 ± 9,3 %, F = 25,5 ± 7,6 %; p = 0,08). Os valores da - dp/dt dos animais EFC foram estatisticamente inferiores (C = 1474 ± 397 mmHg, F = 916 ± 261 mmHg; p = 0,02) aos animais-controle. Os animais EFC apresentaram maior peso do VD, ajustado ao peso corporal (C = 0,8 ± 0,3 mg/g, F = 1,3 ± 0,4 mg/g; p = 0,01), maior teor de água nos pulmões (C = 4,8 (4,3-4,8)%, F = 5,4 (5,1-5,5); p = 0,03) e maior área seccional do miócito do VE (C = 239,8 ± 5,8 µm², F = 253,9 ± 7,9 µm²; p = 0,01). CONCLUSÃO: A exposição à fumaça de cigarro intensifica a remodelação ventricular após IAM. Resumo em inglês OBJECTIVE: To evaluate the role of cigarette smoke exposure (CSE) on ventricular remodeling following acute myocardial infarction (AMI). METHODS: Rats were submitted to myocardial infarction and divided into two groups: C (control, n = 31) and F (CSE: 40 cigarettes/day, n = 22). After 6 months, the survivors were submitted to echocardiogram, functional study with isolated heart, and morphometric analysis. For comparison purposes, we used the t test (mean ± standard (mais) deviation) or the Mann-Whitney test (with median and 25th and 75th percentiles). RESULTS: The CSE animals tended to have larger diastolic (C = 1.5 ± 0.4 mm², F = 1.9 ± 0.4 mm²; p = 0.08) and systolic (C = 1.05 ± 0.3 mm², F = 1.32 ± 0.4 mm²; p = 0.08) left ventricular(LV) areas. The systolic function of the LV, assessed according to the fractional area change, tended to be impaired in CSE animals (C = 31.9 ± 9.3%, F = 25.5 ± 7.6%; p = 0.08). The - dp/dt values for CSE animals were statistically lower (C = 1474 ± 397 mmHg, F = 916 ± 261 mmHg; p = 0.02) than for control animals. The CSE animals presented higher right ventricle (RV) weight adjusted for body weight (C = 0.8 ± 0.3 mg/g, F = 1.3 ± 0.4 mg/g; p = 0.01), higher content of water in lungs (C = 4.8 (4.3-4.8)%, F = 5.4 (5.1-5.5); p = 0.03), and larger LV myocyte cross-sectional areas (C = 239.8 ± 5.8 µm², F = 253.9 ± 7.9 µm²; p = 0.01). CONCLUSION: Cigarette smoke exposure intensifies ventricular remodeling following acute myocardial infarction.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

9

A exposição crônica à fumaça do cigarro resulta em remodelação cardíaca e prejuízo da função ventricular em ratos/ Chronic cigarette smoke exposure results in cardiac remodeling and impaired ventricular function in rats

Castardeli, Édson; Paiva, Sergio A. R.; Matsubara, Beatriz B.; Matsubara, Luiz S.; Minicucci, Marcos F.; Azevedo, Paula S.; Campana, Álvaro O.; Zornoff, Leonardo A. M.
2005-04-01

Resumo em português OBJETIVO: Determinar as alterações cardíacas estruturais e funcionais causadas pela exposição à fumaça do cigarro em ratos. MÉTODOS: Os animais foram aleatoriamente distribuídos em dois grupos: fumante (F), composto por 10 animais, expostos à fumaça do cigarro, na taxa de 40 cigarros/dia e controle (C), constituído por 10 animais não submetidos à exposição. Após 4 meses, os animais foram submetidos a estudo morfológico e funcional por meio do ecocardiogr (mais) ama. As variáveis estudadas foram analisadas pelo teste t ou pelo teste de Mann-Whitney. RESULTADOS: Os ratos fumantes apresentaram maior átrio esquerdo (F=4,2± 0,7mm; C=3,5±0,6mm; p Resumo em inglês OBJECTIVE: To determine the cardiac structural and functional alterations caused by cigarette smoke exposure in rats. METHODS: The animals were randomly distributed into the following 2 groups: 1) smokers (S), comprising 10 animals exposed to cigarette smoke at a rate of 40 cigarettes/day; and 2) control (C), comprising 10 animals not exposed to cigarette smoke. After 4 months, the animals underwent morphological and functional study with echocardiography. The variables s (mais) tudied were analyzed by use of the t test or the Mann-Whitney test. RESULTS: The smoking rats had a greater left atrium (S=4.2±0.7mm; C=3.5±0.6mm; P

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

10

Influência da exposição a fumaça lateral do cigarro sobre o ganho de peso e o consumo alimentar de ratas gestantes: análise do peso e do comprimento dos filhotes ao nascimento/ Influence of side stream cigarette smoke exposure on body weight gain and food consumption of pregnant rats: analysis of weight and length at birth

Mello, Paulo Roberto Bezerra de; Okay, Thelma Suely; Botelho, Clovis
2006-03-01

Resumo em português OBJETIVOS: analisar o efeito do tabagismo sobre o ganho ponderal e o consumo alimentar de ratas durante a gestação, e o peso e comprimento dos filhotes ao nascimento. MÉTODOS: foram estudadas 51 ratas (Wistar) do 2º dia até o final da gestação, divididas em três grupos: Grupo F: 15 ratas expostas à fumaça de dois cigarros/animal/dia + ar comprimido (10 L/min); Grupo Ar: 18 ratas expostas ao ar comprimido (10 L/min); Grupo C: 18 ratas não manipuladas e não expo (mais) stas. Os parâmetros aferidos foram: peso das ratas e seu consumo alimentar e comprimento e peso dos filhotes ao nascer. Foi aplicado o teste de Lavene para verificação do comportamento da distribuição das variáveis numéricas, e para análises paramétricas utilizou-se o ANOVA ou teste t de Student, conforme o caso. O nível de significância adotado foi p Resumo em inglês PURPOSE: to analyze the effect of cigarette smoke on weight gain and food consumption of female pregnant rats, as well as of their offspring's weight and length at birth METHODS: Wistar rats were studied from the second day until the end of pregnancy. Fifty-one female rats were divided into three groups: Group F: 15 rats exposed to tobacco smoke (2 cigarettes/animal/day) plus air flush (10 L/min); Group Air: 18 rats exposed to air flush only (10 L/min); Group C: 18 non-ex (mais) posed, non-manipulated controls. Body weight was measured every 5 days and food consumption every seven days (expressed as medium consumption per day). Offspring weight and length were measured on the first day of life. The Lavene test was used to verify the behavior of numeric variable distribution and for parametric one-way ANOVA analysis and Student's t test were used, according to the case. Results with p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

11

Determinantes da experimentação do cigarro e do início precoce do tabagismo entre adolescentes escolares em Salvador (BA)/ Determinants of smoking experimentation and initiation among adolescent students in the city of Salvador, Brazil

Machado Neto, Adelmo de Souza; Andrade, Tarcisio Matos; Napoli, Carlos; Abdon, Lilian Carine Souza de Lima; Garcia, Mônica Rocha; Bastos, Francisco Inácio
2010-12-01

Resumo em português OBJETIVO: Identificar os fatores associados à experimentação do cigarro e ao início precoce do tabagismo por adolescentes escolares (11-14 anos). MÉTODOS: Estudo transversal de base populacional com adolescentes escolares (ensino fundamental e médio) de escolas públicas e particulares de Salvador, Bahia. Foi utilizado um protocolo de amostragem em múltiplos estágios. Os participantes da pesquisa responderam a um questionário anônimo, de preenchimento voluntári (mais) o e autoaplicável. As variáveis dependentes foram o uso experimental do cigarro e o início precoce do tabagismo. Variáveis sociodemográficas, educacionais, relacionadas à influência da mídia e ao consumo de álcool foram consideradas variáveis independentes. Foi realizada a análise de regressão logística multivariada, seguida da análise da adequação do modelo de regressão logística final. RESULTADOS: A prevalência de experimentação do cigarro foi de 16,1% (IC95%: 15,1-17,2). Dos 5.347 alunos avaliados, 757 experimentaram cigarros, e 462 (61,2%) desses 757 o fizeram antes dos 15 anos de idade (média de idade de experimentação de cigarros, 13,9 ± 1,8 anos). O início precoce do tabagismo associou-se com o tabagismo paterno (OR = 1,53; IC83%: 1,07-2,19) e com a influência da mídia (OR = 2,43; IC83%: 1,46-4,04). A experimentação de cigarros associou-se com o consumo do álcool (OR = 6,04; IC83%: 4,62-7,88), o tabagismo de amigos (OR = 3,18; IC83%: 2,54-3,99) e de namorados (OR = 3,42; IC83%: 1,78-6,56), assim como a intervenção educacional agressiva/coercitiva dos pais (OR = 1,60; IC83%: 1,26-2,04). CONCLUSÕES: O consumo do álcool e a influência de pessoas da convivência do jovem apresentaram uma forte associação com a experimentação de cigarros. O tabagismo paterno e a influência da mídia para os produtos do tabaco aumentaram as chances de consumo desta substância. Resumo em inglês OBJECTIVE: To identify the factors associated with smoking experimentation and initiation among adolescent students (11-14 years of age). METHODS: A cross-sectional, population-based study involving adolescent (middle and high school) students at public and private schools in the city of Salvador, Brazil. A multiple-stage sampling protocol was used. The participants completed an anonymous, voluntary, self-report questionnaire. The dependent variables were age at smoking e (mais) xperimentation and smoking initiation. Sociodemographic and educational variables, as well as those related to media influence and alcohol consumption, were considered independent variables. Multivariate logistic regression analysis was performed, followed by analysis of the fit of the final logistic regression model. RESULTS: The prevalence of smoking experimentation was 16.1% (95% CI: 15.1-17.2). Of the 5,347 students evaluated, 757 had experimented with cigarettes, and 462 (61.2%) of those 757 had done so before the age of 15 (mean age at smoking experimentation, 13.9 ± 1.8 years). Smoking initiation was associated with paternal smoking (OR = 1.53; 83% CI = 1.07-2.19) and with media influence (OR = 2.43; 83% CI: 1.46-4.04). Smoking experimentation was associated with alcohol consumption (OR = 6.04; 83% CI: 4.62-7.88), having friends who smoke (OR = 3.18; 83% CI: 2.54-3.99), having a boyfriend/girlfriend who smokes (OR = 3.42; 83% CI: 1.78-6.56), and coercive/aggressive educational interventions by the parents (OR = 1.60; 83% CI: 1.26-2.04). CONCLUSIONS: Alcohol consumption and the influence of peers and relatives who smoke showed a strong association with smoking experimentation. Paternal smoking and media influence were found to increase the chances of adolescent smoking.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

12

Efeitos da inalação passiva da fumaça de cigarro sobre as pregas vocais de ratos/ Effects of passive smoke inhalation on the vocal cords of rats

Duarte, Josilene Luciene; Faria, Flavio Augusto Cardoso de; Ceolin, Danielle Santi; Cestari, Tania Mary; Assis, Gerson Francisco de
2006-04-01

Resumo em português Poucos estudos demonstram as reações patológicas devidas à inalação de fumaça pelas vias aéreas de ratos. OBJETIVO: Estudar e analisar os possíveis efeitos histopatologicos produzidos pela inalação crônica de fumaça de cigarro nas pregas vocais de ratos. DESENHO DE ESTUDO: Experimental. MATERIAL E MÉTODOS: 36 ratos masculinos (Rattus norvergicus Wistar), de 60 dias de idade, foram mantidos em gaiolas e expostos à inalação da fumaça produzida por 10 cigar (mais) ros, 3 vezes ao dia, 7 dias por semana, para períodos de 25, 50 e 75 dias, e os controles respectivos. Os animais foram sacrificados e as suas laringes dissecadas e submetidas a análise histológica com coloração de Hematoxilina e Eosina e analisados através de microscopia simples. RESULTADOS: Os ratos expostos ao cigarro exibiram menor (p Resumo em inglês Few studies have demonstrated the pathologic reactions yielded by smoke inhalation on the airway in rats. AIM: The aim of this study was to analyze the possible histopathological effects produced by chronic cigarette smoke inhalation on the vocal folds of rats. STUDY DESIGN: Experimental. MATERIAL AND METHOD: 36 male rats (Rattus norvergicus Wistar strain), aged 60 days, were kept in cages and exposed to inhalation of the smoke produced by 10 cigarettes lit 3 times a day, (mais) 7 days a week, for periods of 25, 50 and 75 days, and their respective controls. Thereafter the animals were killed and their larynxes were dissected and submitted to histological processing for achievement of histological sections, which were stained with Hematoxylin and Eosin and analyzed by light microscopy. RESULTS: The rats exposed to smoke displayed smaller (p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

13

Estudo imunohistoquímico do remodelamento pulmonar em camundongos expostos à fumaça de cigarro/ Immunohistochemical study of lung remodeling in mice exposed to cigarette smoke

Valença, Samuel Santos; Porto, Luís Cristóvão
2008-10-01

Resumo em português OBJETIVO: Muitos estudos sobre enfisema são realizados com exposição de animais à fumaça de cigarro durante um longo tempo, focando o tipo de célula envolvida no desequilíbrio protease/antiprotease e a degradação da matriz extracelular. A expressão aumentada de metaloproteinases no enfisema está associado com citocinas e evidências sugerem um papel importante da metaloproteinase de matriz-12 (MMP-12). Nosso objetivo foi estudar a detecção de inibidor tissula (mais) r de metaloproteinase-2 (TIMP-2), fator de necrose tumoral alfa (TNF-α) e interleucina-6 (IL-6) por métodos imunohistoquímicos no pulmão de camundongos. MÉTODOS: Camundongos C57BL/6 machos foram expostos 3 vezes ao dia a fumaça de 3 cigarros por um período de 10, 20, 30 ou 60 dias através de uma câmara de inalação (grupos CS10, CS20, CS30 e CS60, respectivamente). O grupo controle foi exposto às mesmas condições ao ar ambiente. RESULTADOS: Nós observamos um aumento progressivo de macrófagos alveolares no lavado broncoalveolar dos grupos expostos. O diâmetro alveolar médio, um indicador de destruição alveolar, aumentou em todos os grupos expostos quando comparado ao grupo controle. O índice imunohistoquímico (II) para MMP-12 aumentou nos grupos CS10, CS20 e CS30 em paralelo a uma redução do II para TIMP-2 nos grupos CS10, CS20 e CS30. O II para as citocinas TNF-α e IL-6 aumentou em todos os grupos expostos quando comparado ao grupo controle. Enfisema foi observado no grupo CS60, com alterações na densidade de volume de fibras colágenas e elásticas. CONCLUSÕES: Estes achados sugerem que a fumaça de cigarro induz enfisema com uma participação importante do TNF-α e da IL-6 sem a participação de neutrófilos. Resumo em inglês OBJECTIVE: Various studies of emphysema involve long-term exposure of animals to cigarette smoke, focusing on the cell type involved in the protease/antiprotease imbalance and on extracellular matrix degradation. In emphysema, increased expression of metalloproteinases is associated with cytokines, and evidence suggests that the matrix metalloproteinase-12 (MMP-12) plays an important role. Our objective was to investigate tissue inhibitor of metalloproteinase-2 (TIMP-2), (mais) tumor necrosis factor-alpha (TNF-α) and interleukin-6 (IL-6) detection by immunohistochemical methods in mouse lung. METHODS: Male C57BL/6 mice were exposed 3 times a day to smoke of 3 cigarettes over a period of 10, 20, 30 or 60 days in an inhalation chamber (groups CS10, CS20, CS30 and CS60, respectively). Controls were exposed to the same conditions in room air. RESULTS: A progressive increase in the number of alveolar macrophages was observed in the bronchoalveolar lavage fluid of the exposed mice. The mean linear intercept, an indicator of alveolar destruction, was greater in all exposed groups when compared to control group. In the CS10, CS20 and CS30 mice, the immunohistochemical index (II) for MMP-12 increased in parallel with a decrease in II for TIMP-2 in the CS10, CS20 and CS30 mice. The II for the cytokines TNF-α and IL-6 was greater in all exposed groups than in the control group. Emphysema, with changes in volume density of collagen and elastic fibers, was observed in the CS60 group. CONCLUSIONS: These findings suggest that cigarette smoke induces emphysema with major participation of TNF-α and IL-6 without participation of neutrophils.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

14

Significados e sentidos de saúde socializados por artefatos culturais: leituras das imagens de advertência nos maços de cigarro/ Senses and meanings of health socialized by cultural devices: readings of the warning images on cigarettes packs

Renovato, Rogério Dias; Bagnato, Maria Helena Salgado; Missio, Lourdes; Murback, Silvana Elisa Sauaia Lopes; Cruz, Lúcia Pedroso da; Bassinello, Greicelene Aparecida Hespanhol
2009-10-01

Resumo em português Neste artigo, analisamos imagens veiculadas nas embalagens de cigarros, que fazem parte das estratégias do Ministério da Saúde no combate ao tabagismo e disponibilizadas pelo Instituto Nacional de Câncer. Tais imagens trazem o discurso oficial de especialistas e constroem narrativas, entendidas como verdades, alicerçadas no conhecimento científico. Apoiamo-nos no referencial teórico dos estudos culturais, pois suas reflexões ajudam a compreender que as subjetivida (mais) des são social e culturalmente construídas por vários discursos e artefatos. Não negamos o que está representado, mas estabelecemos diálogos com outras possibilidades de leituras que podem estar presentes nestes artefatos. Entendemos essas imagens como pedagogias culturais - que se comportam como textos a serem lidos, construindo representações, as quais podem ser assumidas como efeitos de verdade - e que atribuem ao sujeito a necessidade de controlar constantemente suas ações. Ao reforçar a biomedicina, as instituições de saúde reproduzem uma visão unidimensional e desconsideram a complexidade desse problema. Entendemos que as pedagogias culturais fazem parte de um território de lutas, onde sentidos e significados podem ser reelaborados, produzindo identidades híbridas, que constroem suas matrizes identitárias nesse emaranhado de relações de poder. Resumo em inglês This article analyzes the images publicized on cigarettes packs that are part of the strategies from the Ministry of Health to combat the tabagism and available from the Cancer National Institute. These images bring the official speech of specialists and build narratives, understood such as truths, based on scientific knowledge. We have supported our thesis on theoretical referential of Cultural Studies, since its reflections help to understand that the subjectiveness is (mais) social and culturally built by different speeches and devices. We do not deny what is represented, but we establish dialogues with other possibilities of readings that can be present at these devices.We understand the propagated images as cultural pedagogies that behave as texts to be read, building up representations that can be assumed as true effect, and attributes to the citizen the necessity of constant control of its action. Reassuring the biomedicine and the health institutions, an onedimensional vision is propagated disregarding the complexity of this problem. We understand that the cultural pedagogies are part of competition territories, where the directions and meanings can be re-prepared producing hybrid identities that build up its own identity origins over this tangle of power relations.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

15

Significados e sentidos de saúde socializados por artefatos culturais: leituras das imagens de advertência nos maços de cigarro/ Senses and meanings of health socialized by cultural devices: readings of the warning images on cigarettes packs

Renovato, Rogério Dias; Bagnato, Maria Helena Salgado; Missio, Lourdes; Murback, Silvana Elisa Sauaia Lopes; Cruz, Lúcia Pedroso da; Bassinello, Greicelene Aparecida Hespanhol
2009-10-01

Resumo em português Neste artigo, analisamos imagens veiculadas nas embalagens de cigarros, que fazem parte das estratégias do Ministério da Saúde no combate ao tabagismo e disponibilizadas pelo Instituto Nacional de Câncer. Tais imagens trazem o discurso oficial de especialistas e constroem narrativas, entendidas como verdades, alicerçadas no conhecimento científico. Apoiamo-nos no referencial teórico dos estudos culturais, pois suas reflexões ajudam a compreender que as subjetivida (mais) des são social e culturalmente construídas por vários discursos e artefatos. Não negamos o que está representado, mas estabelecemos diálogos com outras possibilidades de leituras que podem estar presentes nestes artefatos. Entendemos essas imagens como pedagogias culturais - que se comportam como textos a serem lidos, construindo representações, as quais podem ser assumidas como efeitos de verdade - e que atribuem ao sujeito a necessidade de controlar constantemente suas ações. Ao reforçar a biomedicina, as instituições de saúde reproduzem uma visão unidimensional e desconsideram a complexidade desse problema. Entendemos que as pedagogias culturais fazem parte de um território de lutas, onde sentidos e significados podem ser reelaborados, produzindo identidades híbridas, que constroem suas matrizes identitárias nesse emaranhado de relações de poder. Resumo em inglês This article analyzes the images publicized on cigarettes packs that are part of the strategies from the Ministry of Health to combat the tabagism and available from the Cancer National Institute. These images bring the official speech of specialists and build narratives, understood such as truths, based on scientific knowledge. We have supported our thesis on theoretical referential of Cultural Studies, since its reflections help to understand that the subjectiveness is (mais) social and culturally built by different speeches and devices. We do not deny what is represented, but we establish dialogues with other possibilities of readings that can be present at these devices.We understand the propagated images as cultural pedagogies that behave as texts to be read, building up representations that can be assumed as true effect, and attributes to the citizen the necessity of constant control of its action. Reassuring the biomedicine and the health institutions, an onedimensional vision is propagated disregarding the complexity of this problem. We understand that the cultural pedagogies are part of competition territories, where the directions and meanings can be re-prepared producing hybrid identities that build up its own identity origins over this tangle of power relations.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

16

Consumo de tabaco na população portuguesa retratado pelo Inquérito Nacional de Saúde (2005/2006)/ Tobacco consumption by the portuguese population: Data from the 2005-2006 National Health Survey

Machado, Ausenda; Nicolau, Rita; Dias, Carlos Matias
2009-11-01

Resumo em português O presente estudo visa contribuir para o conhecimento da epidemiologia da exposição ao tabaco na população portuguesa, através da análise de dados do Inquérito Nacional de Saúde realizado entre 2005 e 2006. Neste trabalho, a população portuguesa é caracterizada quanto à prevalência de fumadores, ex-fumadores e não fumadores e quanto à exposição e atitudes face ao fumo do tabaco. Algumas destas características são desagregadas por variáveis sociodemogr� (mais) �ficas, como o sexo, a idade e a região de residência. As frequências apresentadas expressam valores estimados para a população residente em Portugal no ano de 2005. Através de regressão logística binária construíram-se perfis dos fumadores. Os resultados revelaram que 20,9% da população com 15 e mais anos de idade, residente em Portugal (incluindo as regiões autónomas), era fumadora data da entrevista (sexo masculino: 30,9%; sexo feminino: 11,8%) e que 18,7% fumava diariamente. Mais de metade dos homens fumava, ou já tinha fumado (56,9%), ao contrário das mulheres que, na grande maioria, nunca tinha fumado (81,3%). Após remoção do efeito ocasionado pela diferente estrutura etária, as prevalências mais elevadas de homens que fumavam diariamente foram observadas nos Açores (31,0%) e no Alentejo (29,9%). Já entre as mulheres, a prevalência mais elevada de consumo diário de tabaco ocorreu na região de Lisboa e Vale do Tejo (15,4%), seguida do Algarve (12,8%). Em média, os homens fumavam mais cigarros por dia (20 cigarros) do que as mulheres (13 cigarros). A população açoriana evidenciou os consumos médios diários mais elevados (homens: 23 cigarros; mulheres: 16 cigarros). Resumo em inglês This study aims to contribute to the epidemiological portrayal of tobacco consumption in Portugal 2005- 2006, using data from the National Health Survey. In this analysis the Portuguese population is characterised according to smoking patterns, exposure to smoke and attitudes to smoking in general. Data is presented by gender, age groups, regions of residence and other social characteristics. Frequencies results are estimated values for the Portuguese population in 2005. (mais) Logistic binary regression models are used to study regular smoking-related characteristics. Results show that 20.9% of the Portuguese population (including Madeira and the Azores) aged 15 or more were smokers (male: 30.9%; female: 11.8%), and that 18.7% smoked regularly. More than one half of men were smokers or ex-smokers (56.9%) whereas the great majority of women had never smoked (81.3%). After removing the effect of the different age structures among regions, the highest rate of males who smoked regularly was observed in the Azores region (31.0%), followed by the Alentejo region (29.9%). The highest rate of women who smoked regularly occurred in the Lisbon and Tagus Valley region (15.4%), followed by the Algarve region (12.8%). Daily average cigarette consumption was higher among male (20 cigarettes) than female smokers (13 cigarettes). The Azores population presented the highest daily average consumption (male: 23 cigarettes; female: 16 cigarettes).

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

17

Tabagismo e antecipação da idade da menopausa/ Smoking and earlier menopause

Aldrighi, José Mendes; Alecrin, Israel Nunes; Oliveira, Paulo Rogério de; Shinomata, Henrique O.
2005-02-01

Resumo em português OBJETIVO: Avaliar o impacto do tabagismo sobre a idade de instalação da menopausa. MÉTODOS: No período de janeiro de 1998 a janeiro de 2001 foram avaliadas 775 mulheres no climatério, com idade entre 40 e 65 anos, por meio de um questionário que, entre outras variáveis, incluía a data da menopausa, uso de hormônios sexuais esteróides, número de partos, cirurgias ginecológicas, hábito de fumar cigarros e número de cigarros fumados por dia. Foram excluídas as (mais) mulheres com menopausa cirúrgica, menopausa prematura e usuárias de terapia de reposição hormonal. Caracterizou-se o estado menopausal pelas determinações séricas do FSH (> 30 UI) e estradiol ( Resumo em inglês OBJECTIVES: to evaluate the impact of smoking on the onset age of menopause. METHODS: From January of 1998 to January of 2001 775 postmenopausal women, with ages ranging from 40 to 65 years, were evaluated by means of a questionnaire. They were asked about their birth date; last menstrual bleeding, number of children, smoking habits, use of hormone medication, number of cigarettes per day, and gynecological surgeries. The menopausal status was characterized by blood deter (mais) minations of FSH (> 30 UI) and estradiol (

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

18

Prevalência e variáveis associadas ao hábito de fumar em crianças e adolescentes/ The prevalence of and variables associated with smoking in children and adolescents

Silva, Maria Alayde M. da; Rivera, Ivan R.; Carvalho, Antonio Carlos C.; Guerra Júnior, Armando de H.; Moreira, Tereza Cristina de A.
2006-10-01

Resumo em português OBJETIVO: Identificar a prevalência do hábito de fumar e a ocorrência de variáveis associadas ao hábito em crianças e adolescentes de 7 a 17 anos, de ambos os sexos e provenientes da cidade de Maceió. MÉTODOS: Estudo epidemiológico transversal, baseado na população de alunos da rede de ensino público e privada, níveis fundamental e médio. Cálculo da amostra baseado na menor prevalência esperada de inúmeras variáveis, incluindo tabagismo. Amostragem por c (mais) onglomerados. Questionário sobre o hábito de fumar; entrevista individual com cada estudante. Considerado fumante atual aquele que admitiu ter fumado em 1 ou mais dias nos últimos 30 dias. Variáveis analisadas: relacionadas ao estudante (idade, sexo, experimentação prévia de cigarros e trabalho remunerado), à sua condição na escola (pública/privada, turno, nível e repetência) e à família (classificação econômica, pais fumantes e pais separados). RESULTADOS: Foram avaliados 1.253 estudantes (547 do sexo masculino, média de idade 12,4±2,9 anos). Identificou-se uma prevalência de tabagismo de 2,4%. A análise estatística multivariada demonstrou associação significante do hábito de fumar com: maior idade (odds ratio de 1,31); experimentação prévia de cigarros (odds ratio de 33,96); estudar no período noturno (odds ratio de 5,43). Observou-se que 286 estudantes (22,8%) admitiram haver experimentado cigarros (9% de 7 a 9 anos; 21% de 10 a 14 anos; 36% de 15 a 17 anos). CONCLUSÕES: A prevalência de tabagismo em crianças e adolescentes da rede de ensino da cidade de Maceió é de 2,4%, sendo mais freqüente em estudantes de 15 a 17 anos, do curso noturno. Estudantes que experimentaram cigarros apresentam 34 vezes mais chances de se tornarem fumantes. Resumo em inglês OBJECTIVE: To identify the prevalence of smoking and the presence of variables associated with the habit in children and adolescents of both sexes, aged 7 to 17 years, resident in the city of Maceió. METHODS: A cross-sectional epidemiological study of the student population of the both private and public education systems at elementary and high school level. Sample size was calculated based on the minimum predicted prevalence of a large number of variables, including smo (mais) king itself. Cluster sampling was employed. A questionnaire on smoking habits was completed during individual interviews with each student. Children who admitted having smoked on 1 or more day during the previous 30 were defined as current smokers. The variables analyzed were related to: the students (age, sex, previous experimentation with cigarettes and paid employment), their educational status (public/private school, daytime/evening lessons, grade and repeated years) and their families (economic status, smoking parents and separated parents). RESULTS: A total of 1,253 students were analyzed (547 were male, mean age was 12.4 2.9 years). Observed smoking prevalence was 2.4%. Multivariate statistical analysis demonstrated significant associations between smoking and: increased age (odds ratio: 1.31); previous experimentation with cigarettes (odds ratio: 33.96); studying during the evening (odds ratio: 5.43). It was observed that 286 students (22.8%) admitted having experimented with cigarettes (9% from 7 to 9 years; 21% from 10 to 14 years; 36% from 15 to 17 years). CONCLUSIONS: The prevalence of smoking among children and adolescents in the Maceió educational system is 2.4%, being most common among students aged 15 to 17 years, studying in the evening. Students who had experimented with cigarettes exhibited a 34 times greater chance of becoming smokers.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

19

Hábitos tabágicos em alunos do 6.º ano de Medicina e medidas anti-tabágicas/ Smoking habits of sixth year medical students and anti-smoking measures in Portugal

Borges, André; Marques, Filipa; Lima, José; Costa, Luís; Gonçalves, Patrícia; Fernandes, Rui; Gonçalves, Nídia
2008-06-01

Resumo em português Objectivos: Estudar os hábitos tabágicos, caracterizar o conhecimento, aceitação de medidas anti -tabágicas e as expectativas em relação ao impacto destas na saúde pública em alunos do 6º ano de Medicina, em Portugal. Material e métodos: Foi realizado um estudo descritivo transversal, cuja população alvo foram os alunos de Medicina do sexto ano, em Portugal. Foi utilizado um questionário auto -preenchido, anónimo, disponibilizado numa página online, que di (mais) vulgámos por correio electrónico. Para a análise de algumas variáveis utilizamos tabelas de contingência e a prova do χ², com nível de significância de 0,05. Resultados: Obtivemos 255 questionários válidos. A taxa de fumadores foi de 18,04%. O consumo de cigarros mais frequente foi entre 1 -10 cigarros, sendo mais elevado entre os homens. A idade de início da maioria foi entre 13 -18 anos, com as mulheres a começarem mais tarde. Dos fumadores, 36,96% já fizeram uma tentativa de cessação tabágica. A maioria dos inquiridos concorda com as medidas anti-tabágicas inquiridas e considera que irão diminuir o consumo e a morbimortalidade da população em geral. A formação sobre cessação tabágica foi considerada suficiente por 34,90%. Conclusões: Os resultados obtidos estão de acordo com as características da população em geral, nomeadamente quanto à prevalência de fumadores, idade de início do consumo de tabaco e elevada prevalência de mulheres fumadoras. As medidas anti-tabágicas parecem reunir consenso, segundo a nossa amostra, que também espera uma redução do consumo geral e individual, assim como da morbimortalidade. Resumo em inglês Objectives: To study the smoking habits of 6th year Portuguese medical students and assess their knowledge and acceptance of anti-smoking measures and how they felt these would impact on public health. Material and methods: We conducted a descriptive cross-sectional study, in which a self-administered, anonymous questionnaire was made available online to the target population (6th year Portuguese medical students). The relationships between some of the variables were anal (mais) ysed using contingency tables and the χ2 test, with p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

20

Estudo da morbidade e da mortalidade perinatal em maternidades: II - mortalidade perinatal segundo peso ao nascer, idade materna, assistência pré-natal e hábito de fumar da mãe/ A study of perinatal morbidity and mortality in maternity hospitals: II - perinatal mortality according to birth weight, maternal age, prenatal care and maternal smoking

Laurenti, Ruy; Buchalla, Cássia Maria
1985-06-01

Resumo em português Analisa-se a influência de variáveis como peso ao nascer, idade materna, assistência pré-natal e tabagismo materno. Do estudo dos 12.999 nascimentos (vivos e mortos) ocorridos em nove maternidades no período de um ano, verificou-se que a mortalidade perinatal é muito maior para os recém-nascidos de baixo peso (665,3 ‰ para peso até 1.500 g), diminuindo à medida que aumenta o peso ao nascer. Também nos casos de mães jovens (menores de 15 anos) ou mães com idad (mais) e superior a 35 anos esse coeficiente foi mais elevado (45,5 ‰ para mães com menos de 15 anos e 47,0 ‰ para mães entre 35 a 39 anos). A faixa imediatamente superior - 40 a 44 anos - apresentou a mais alta mortalidade perinatal: 61,3 ‰ nascidos vivos e nascidos mortos. O número de consultas realizadas no pré-natal tem importância para a diminuição da gestação de alto risco. Mães que fizeram 7 ou mais consultas no pré-natal tiveram a menor mortalidade no período (17,7‰ nascidos vivos e nascidos mortos). Já o hábito materno de fumar influencia a mortalidade quando a quantidade é de mais de 10 cigarros por dia. A mortalidade perinatal dos produtos de mães que fumavam menos de 10 cigarros por dia não diferiu das taxas de mortalidade para as mães não-fumantes. Resumo em inglês The influence of birth weight, maternal age, prenatal care and smoking during pregnancy are analysed. Of 12,999 births (live and stillbirths) ocurring in nine maternity hospitals during one year, the greatest perinatal mortality rate (PM) was that of low birth weight babies (665.3 ‰ for those weighing less than 1,500 g). The PM decreases with increasing weight. Young mothers (less than 15 years of age) and women aged 35 or more also had higher Perinatal Mortality rates - (mais) 45.5 ‰ for the former and 47.0 ‰ for the latter. Prenatal care is important for the decrease of high risk in pregnancy. Mothers who had made 7 or more consultations during pregnancy had the lowest PM (17.7 ‰ live and stillbirths). Smoking during pregnancy has an influence only when women smoke more than 10 cigarettes a day. Perinatal mortality for babies whose mothers smoked less than 10 cigarettes a day is not different from non-smoking women.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

21

Estudo da morbidade e da mortalidade perinatal em maternidades: II - mortalidade perinatal segundo peso ao nascer, idade materna, assistência pré-natal e hábito de fumar da mãe/ A study of perinatal morbidity and mortality in maternity hospitals: II - perinatal mortality according to birth weight, maternal age, prenatal care and maternal smoking

Laurenti, Ruy; Buchalla, Cássia Maria
1985-06-01

Resumo em português Analisa-se a influência de variáveis como peso ao nascer, idade materna, assistência pré-natal e tabagismo materno. Do estudo dos 12.999 nascimentos (vivos e mortos) ocorridos em nove maternidades no período de um ano, verificou-se que a mortalidade perinatal é muito maior para os recém-nascidos de baixo peso (665,3 ‰ para peso até 1.500 g), diminuindo à medida que aumenta o peso ao nascer. Também nos casos de mães jovens (menores de 15 anos) ou mães com idad (mais) e superior a 35 anos esse coeficiente foi mais elevado (45,5 ‰ para mães com menos de 15 anos e 47,0 ‰ para mães entre 35 a 39 anos). A faixa imediatamente superior - 40 a 44 anos - apresentou a mais alta mortalidade perinatal: 61,3 ‰ nascidos vivos e nascidos mortos. O número de consultas realizadas no pré-natal tem importância para a diminuição da gestação de alto risco. Mães que fizeram 7 ou mais consultas no pré-natal tiveram a menor mortalidade no período (17,7‰ nascidos vivos e nascidos mortos). Já o hábito materno de fumar influencia a mortalidade quando a quantidade é de mais de 10 cigarros por dia. A mortalidade perinatal dos produtos de mães que fumavam menos de 10 cigarros por dia não diferiu das taxas de mortalidade para as mães não-fumantes. Resumo em inglês The influence of birth weight, maternal age, prenatal care and smoking during pregnancy are analysed. Of 12,999 births (live and stillbirths) ocurring in nine maternity hospitals during one year, the greatest perinatal mortality rate (PM) was that of low birth weight babies (665.3 ‰ for those weighing less than 1,500 g). The PM decreases with increasing weight. Young mothers (less than 15 years of age) and women aged 35 or more also had higher Perinatal Mortality rates - (mais) 45.5 ‰ for the former and 47.0 ‰ for the latter. Prenatal care is important for the decrease of high risk in pregnancy. Mothers who had made 7 or more consultations during pregnancy had the lowest PM (17.7 ‰ live and stillbirths). Smoking during pregnancy has an influence only when women smoke more than 10 cigarettes a day. Perinatal mortality for babies whose mothers smoked less than 10 cigarettes a day is not different from non-smoking women.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

22

Factores de risco relacionados com as várias fases da “carreira” de fumador: Implicações para a prevenção

Precioso, José
2008-04-01

Resumo em português O maior risco que os jovens correm quando começam a fumar é o de ficar dependentes do tabaco, muitas vezes para a vida inteira, expondo-se a um risco imediato e futuro de contrair doenças graves. Tem-se verificado, nos últimos anos, um aumento da prevalência do consumo de tabaco nos jovens dos dois sexos, particularmente nas raparigas. Determinar os factores de risco relacionados com o consumo experimental, ocasional e regular de cigarros. Aplicou-se um questionário (mais) a uma amostra de 330 alunos, dos quais 173 (52%) eram rapazes e 157 (48%) raparigas. A média de idades é de treze anos. A maioria dos alunos da amostra começou a fumar por volta dos onze anos de idade, sendo a escola o principal local de iniciação. Factores individuais (curiosidade, baixa assertividade, etc.), micro sociais (consumo de tabaco dos pais e dos amigos) e ambientais (facilidade em adquirir cigarros), entre outros, estão relacionados com as várias fases da “carreira de fumador”. Tratando-se de um comportamento multifactorial, é necessário desenvolver e implementar estratégias abrangentes, destinadas a contrariar o conjunto de factores de risco relacionados com o tabagismo, de forma contínua, para evitar que os/as jovens comecem uma prejudicial carreira de fumadores/as. Resumo em inglês The biggest risk that young people face when they start to smoke is to become addicted to tobacco, often for their whole life, exposing themselves to an immediate and future risk of contracting serious diseases. There has been, in recent years, an increasing prevalence of tobacco use in young people of both sexes, particularly in girls. To determine the risk factors associated with the experimental, occasional and regular consumption of cigarettes. A questionnaire was app (mais) lied to a sample of 330 students, of whom 173 (52%) were boys and 157 (48%) girls. The average age is 13 years. The majority of the sample students began smoking at around 11 years of age, being the school the main place of initiation. Individual factors (curiosity, low assertiveness, etc.), micro social (the smoking of parents and friends) and environmental (ease in buying cigarettes), among others, are related to the various stages of the “career of smoking”. Being a multifactorial behaviour, it is necessary to develop and implement comprehensive strategies, to counteract the set of risk factors related to smoking in a continuous way, in order to prevent young people from starting a damaging career of smokers.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

23

Impacto da cirurgia de revascularização do miocárdio na cessação do tabagismo/ Impact of coronary artery bypass graft surgery in smoking cessation

Pietrobon, Rosa Cecília; Barbisan, Juarez Neuhaus
2010-03-01

Resumo em português FUNDAMENTO: Tabagismo é um importante fator de risco modificável para doença cardiovascular. Poucos estudos têm investigado a frequência da cessação de fumar entre pacientes submetidos à doença cardíaca. OBJETIVOS: Determinar a frequência da cessação de fumar em pacientes submetidos à cirurgia de revascularização do miocárdio. MÉTODOS: Estudo de coorte, de 203 pacientes consecutivos, maiores de 18 anos, submetidos à cirurgia de revascularização do mio (mais) cárdio no período de janeiro 2006 a março de 2007, quando foram entrevistados em relação ao uso de cigarros no período pré e pós-operatório. Fumantes foram estratificados de acordo com o grau de dependência com o uso do Teste de Dependência de Fagerström. Os pacientes foram seguidos durante 60 e 90 dias para avaliar uso de cigarros. RESULTADOS: A média de idade do grupo foi de 62 ± 10 anos, e 134 (66%) eram homens. Antes da cirurgia, 146 (71,9%) pacientes eram fumantes. Um número significativo de pacientes parou de fumar no período pós-operatório: 136 (93,15%) e 137 (93,84%), aos 60 e 90 dias, respectivamente, pararam de fumar depois da cirurgia. CONCLUSÃO: Cirurgia de revascularização do miocárdio é um importante determinador para cessação de fumar. Resumo em inglês BACKGROUND: Tobacco use is an important modifiable risk factor for cardiovascular disease. Few studies have investigated the frequency of smoking cessation among patients submitted to heart surgery. OBJECTIVE: To determine the frequency of smoking cessation in patients submitted to coronary artery bypass graft surgery. METHODS: In this cohort study, 203 consecutive patients, aged above 18, submitted to coronary artery bypass graft surgery in the period from January 2006 t (mais) o March 2007, were interviewed in relation to the use of cigarettes in the pre- and postoperative period. Smokers were stratified according to the levels of nicotine dependence with the use of Fagerström Nicotine Dependence Test. They were followed as outpatients during 60 and 90 days for the occurrence of smoking. RESULTS: The mean age of the group was 62 ± 10 years, and 134 (66%) were male. Before surgery, 146 (71.9%) patients were smokers. A significant number of patients stopped smoking in the postoperative period: 136 (93.15%) and 137 (93.84%) on days 60 and 90, respectively, remained not smoking after surgery. CONCLUSION: Coronary artery bypass graft surgery is an important determinant of smoking cessation.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

24

Prevalência do tabagismo em adultos residentes nas capitais dos estados e no Distrito Federal, Brasil, 2008/ Prevalence of smoking among adults residing in the Federal District of Brasília and in the state capitals of Brazil, 2008

Malta, Deborah Carvalho; Moura, Erly Catarina; Silva, Sara Araújo; Oliveira, Patrícia Pereira Vasconcelos de; Silva, Vera Luiza da Costa e
2010-02-01

Resumo em português OBJETIVO: Determinar a prevalência de tabagismo na população adulta do Brasil e propor recomendações para a redução do uso do tabaco. MÉTODOS: Estudo transversal de base populacional, que incluiu uma amostra da população (18 anos ou mais) residente nas capitais dos 26 estados brasileiros e do Distrito Federal. Considerou-se para a determinação da amostra um intervalo de confiança de 95% e um erro amostral de 2%. Os participantes foram selecionados e entrevist (mais) ados por meio do Sistema de Vigilância de Fatores de Risco e Proteção para Doenças Crônicas por Inquérito Telefônico (VIGITEL). Foram realizadas estimativas referentes à proporção de fumantes e o consumo de cigarros/dia conforme variáveis sociodemográficas. Adicionalmente, calculou-se a razão de prevalência de tabagismo entre homens e mulheres. RESULTADOS: A prevalência de tabagismo foi de 16,1% (20,5% no sexo masculino e 12,4% no sexo feminino. A proporção de adultos que declararam fumar > 20 cigarros ao dia foi de 4,9%, sendo maior no sexo masculino (6,5% vs. 3,6%). Houve maior prevalência de tabagismo entre indivíduos com menor escolaridade ( Resumo em inglês OBJECTIVE: To determine the prevalence of smoking in the adult population of Brazil, in order to propose recommendations for the reduction of tobacco use. METHODS: This was a population-based, cross-sectional study including a sample composed of residents (> 18 years of age) of the capital cities of 26 Brazilian states and in the Federal District of Brasília, Brazil. For the determination of sample size, a 95% confidence interval and a 2% sample error were defined. The p (mais) articipants were selected and interviewed by means of the Sistema de Vigilância de Fatores de Risco e Proteção para Doenças Crônicas por Inquérito Telefônico (VIGITEL, Telephone-based System for the Surveillance of Risk and Protective Factors for Chronic Diseases).The proportion of smokers and the number of cigarettes smoked per day were estimated and stratified according to sociodemographic variables. In addition, the male/female ratio was estimated for the prevalence of smoking. RESULTS: The prevalence of smoking was 16.1% (20.5% among males and 12.4% among females). The proportion of adults that reported smoking > 20 cigarettes a day was 4.9%, being greater in males (6.5% vs. 3.6%). The prevalence of smoking was greater among individuals with a lower level of education (

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

25

Exposição ao tabagismo e atitudes: comparação entre inquéritos realizados na população adulta do município de São Paulo em 1987 e 2002/ Exposition to smoking and attitudes: comparison between inquiries applied to adult population in São Paulo City, 1987 and 2002

Marcopito, Luiz Francisco; Coutinho, Ana Paula; Valencich, Dalva Maria de Oliveira; Moraes, Marco Antonio de; Brumini, Rodolfo; Ribeiro, Sandra Aparecida
2007-11-01

Resumo em português FUNDAMENTO: O monitoramento periódico do tabagismo na população é de interesse para a saúde pública. OBJETIVOS: Comparar a prevalência do tabagismo e atitudes em relação ao tabagismo em uma amostra de residentes do município de São Paulo, em 1987 e em 2002. MÉTODOS: Foram realizados dois inquéritos domiciliários por amostragem probabilística em residentes do município de São Paulo, em 1987 e em 2002, respectivamente com 1.471 e 2.103 entrevistados na faix (mais) a etária de 15 a 59 anos. RESULTADOS: A prevalência de tabagismo ajustada para idade caiu de 41,8% (em 1987) para 25,5% (em 2002) no sexo masculino e, respectivamente, de 30,6% para 19,8% no sexo feminino. Houve redução do tabagismo em todos os níveis de escolaridade, diminuição da média diária de cigarros no sexo masculino (mas elevação no feminino), crescimento pela procura de cigarros com baixo teor, aumento dos que deixaram de fumar havia mais de 10 anos, crescimento dos que tentaram seriamente parar de fumar, aumento dos que cogitavam em parar totalmente e aumento do reconhecimento de que "fumar faz mal para a saúde". CONCLUSÃO: Houve mudança favorável na situação do tabagismo na cidade de São Paulo de 1987 para 2002. Resumo em inglês BACKGROUND: Periodic monitoring of tobacco smoking in the population is of public health interest. OBJECTIVES: To compare the prevalence of smoking habits and attitudes toward tobacco smoking from a sample of residents of the City of Sao Paulo, in 1987 and 2002. METHODS: Two random sampling household surveys were carried out among residents of the City of Sao Paulo, in 1987 and 2002, respectively with 1,471 and 2,103 participants aged 15-59 years RESULTS: Age-adjusted pre (mais) valence of tobacco smoking dropped from 41.8% (in 1987) to 25.5% (in 2002) among males and, respectively, from 30.6% to 19.8% among females, and such reduction was observed in all education levels. There was a decrease in the mean number of cigarettes smoked a day among men (but an increase among women), There was a growth in the preference for low tar cigarettes, an increase in those who quit smoking in the last 10 years, a growth among those who seriously tried to quit smoking, and an increase in those who believe in that "smoking is dangerous for your health". CONCLUSION: There was a favorable change in the situation of smoking habits in the City of Sao Paulo from 1987 to 2002.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

26

Associação entre tabagismo e paracoccidioidomicose: um estudo de caso-controle no Estado do Espírito Santo, Brasil/ Association between smoking and paracoccidioidomycosis: a case-control study in the State of Espírito Santo, Brazil

Santos, Werbena Aguiar dos; Silva, Bethania Moraes da; Passos, Elane Dellacqua; Zandonade, Eliana; Falqueto, Aloísio
2003-02-01

Resumo em português A paracoccidioidomicose é a principal micose sistêmica em nosso meio, que exige tratamento prolongado, de alto custo, e que deixa seqüelas graves nos pulmões, órgãos mais freqüentemente acometidos e sujeitos ainda às agressões de fatores de risco externos, como o tabaco. Investigou-se, por meio de um estudo caso-controle, a influência do tabagismo e do alcoolismo no desenvolvimento da forma crônica da paracoccidioidomicose. Dados sobre a ocupação, moradia e h (mais) ábitos de vida foram obtidos de 70 doentes e 180 controles. Os doentes fumavam e bebiam mais que os controles. A chance de adoecer foi 14 vezes maior entre os fumantes e 3,6 vezes maior entre os que bebiam acima de 50g/dia de álcool. Na regressão logística, foram significativas as variáveis consumo de tabaco por mais de 20 anos (OR = 10,1), consumo de cigarros industrializados (OR = 4,8) e consumo de álcool acima de 50g/dia (OR = 2,9). Os doentes que fumavam 20 ou mais cigarros/dia adoeceram em média oito anos antes que os demais (p = 0,002). O consumo de álcool acima de 50g/dia não influenciou na idade de adoecimento (p = 0,78). Conclui-se que o tabagismo constitui fator de risco para o desenvolvimento da paracoccidioidomicose; o alcoolismo atuaria como um co-fator, associado ao tabagismo. Resumo em inglês Paracoccidioidomycosis, the main systemic mycosis in Brazil, requires long-term, high-cost treatment and leaves serious sequelae in the lungs, the organ most frequently affected and further subject to aggressive external risk factors like smoking. The influence of tobacco and alcohol consumption on chronic paracoccidioidomycosis was investigated using a case-control study. Data on occupation, place of residence, and living habits were obtained from 70 cases and 180 contro (mais) ls residing in the same geographic areas. The risk of becoming ill was 14 times greater among smokers and 3.6 times greater among individuals with an alcohol intake of more than 50g/day. Logistic regression showed as significant variables: tobacco consumption for more than 20 years (OR = 10.1), smoking manufactured (not hand-rolled) cigarettes (OR = 4.8), and alcohol intake > 50g/day (OR = 2.9). Cases who smoked 20 or more cigarettes/day became ill on average eight years before others (p = 0.002). Alcohol intake > 50g/day had no statistically significant impact on age at onset of illness (p = 0.78). The study concludes that smoking stands as an important risk factor for the development of chronic paracoccidioidomycosis. As for alcoholism, there is evidence that it acts as a co-factor, together with smoking.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

27

Associação entre tabagismo e paracoccidioidomicose: um estudo de caso-controle no Estado do Espírito Santo, Brasil/ Association between smoking and paracoccidioidomycosis: a case-control study in the State of Espírito Santo, Brazil

Santos, Werbena Aguiar dos; Silva, Bethania Moraes da; Passos, Elane Dellacqua; Zandonade, Eliana; Falqueto, Aloísio
2003-02-01

Resumo em português A paracoccidioidomicose é a principal micose sistêmica em nosso meio, que exige tratamento prolongado, de alto custo, e que deixa seqüelas graves nos pulmões, órgãos mais freqüentemente acometidos e sujeitos ainda às agressões de fatores de risco externos, como o tabaco. Investigou-se, por meio de um estudo caso-controle, a influência do tabagismo e do alcoolismo no desenvolvimento da forma crônica da paracoccidioidomicose. Dados sobre a ocupação, moradia e h (mais) ábitos de vida foram obtidos de 70 doentes e 180 controles. Os doentes fumavam e bebiam mais que os controles. A chance de adoecer foi 14 vezes maior entre os fumantes e 3,6 vezes maior entre os que bebiam acima de 50g/dia de álcool. Na regressão logística, foram significativas as variáveis consumo de tabaco por mais de 20 anos (OR = 10,1), consumo de cigarros industrializados (OR = 4,8) e consumo de álcool acima de 50g/dia (OR = 2,9). Os doentes que fumavam 20 ou mais cigarros/dia adoeceram em média oito anos antes que os demais (p = 0,002). O consumo de álcool acima de 50g/dia não influenciou na idade de adoecimento (p = 0,78). Conclui-se que o tabagismo constitui fator de risco para o desenvolvimento da paracoccidioidomicose; o alcoolismo atuaria como um co-fator, associado ao tabagismo. Resumo em inglês Paracoccidioidomycosis, the main systemic mycosis in Brazil, requires long-term, high-cost treatment and leaves serious sequelae in the lungs, the organ most frequently affected and further subject to aggressive external risk factors like smoking. The influence of tobacco and alcohol consumption on chronic paracoccidioidomycosis was investigated using a case-control study. Data on occupation, place of residence, and living habits were obtained from 70 cases and 180 contro (mais) ls residing in the same geographic areas. The risk of becoming ill was 14 times greater among smokers and 3.6 times greater among individuals with an alcohol intake of more than 50g/day. Logistic regression showed as significant variables: tobacco consumption for more than 20 years (OR = 10.1), smoking manufactured (not hand-rolled) cigarettes (OR = 4.8), and alcohol intake > 50g/day (OR = 2.9). Cases who smoked 20 or more cigarettes/day became ill on average eight years before others (p = 0.002). Alcohol intake > 50g/day had no statistically significant impact on age at onset of illness (p = 0.78). The study concludes that smoking stands as an important risk factor for the development of chronic paracoccidioidomycosis. As for alcoholism, there is evidence that it acts as a co-factor, together with smoking.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

28

Implicações anestésicas do tabagismo/ Smoking and anesthetic implications/ Implicaciones anestésicas del tabagismo

Furtado, Ricardo Dorneles
2002-06-01

Resumo em português JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: O fumo tem assumido grande importância em relação à morbidade anestésica. Apesar da divulgação acerca dos prejuízos à saúde, países reconhecidos como em desenvolvimento apresentam estatísticas crescentes quanto à população usuária de cigarros. O objetivo desta revisão é mostrar o modo de ação e efeitos do cigarro sobre os diversos órgãos e sistemas e seu impacto sobre a fisiologia do organismo, risco pré-operatório e o ma (mais) nuseio de pacientes fumantes durante a preparação pré-anestésica e complicações pós-operatórias. CONTEÚDO: Nesta revisão são apresentadas as diversas formas de ação do cigarro e seus componentes sobre órgãos e sistemas, repercussões orgânicas e a conduta anestésica para que haja redução da morbidade perioperatória nestes pacientes. CONCLUSÕES: A história do tabagismo na avaliação pré-anestésica deve ser enfaticamente valorizada e medidas preventivas em relação aos efeitos sistêmicos devem ser tomadas, minimizando assim os riscos dos procedimentos. Resumo em espanhol JUSTIFICATIVA Y OBJETIVOS: El humo ha asumido grande importancia en relación a la morbidez anestésica. A pesar de la divulgación acerca de los prejuízos a la salud, países reconocidos como en desenvolvimiento presentan estadísticas crecientes cuanto a la población usuaria de cigarros. El objetivo de esta revisión es mostrar el modo de acción y efectos del cigarro sobre los diversos órganos y sistemas y el impacto de éstos sobre la fisiología del organismo, rie (mais) sgo pré-operatorio y el manoseo de pacientes fumantes durante la preparación pré-anestésica y complicaciones pós-operatorias. CONTENIDO: En esta revisión son presentadas las diversas formas de acción del cigarro y sus componentes sobre órganos y sistemas, repercusiones orgánicas y la conducta anestésica para que haga reducción de la morbidad perioperatoria en estos pacientes. CONCLUSIONES: La historia del tabagismo en la evaluación pré-anestésica debe ser enfáticamente valorizada y medidas preventivas en relación a los efectos sistemicos deben ser tomadas, minimizando así los riesgos de los procedimientos. Resumo em inglês BACKGROUND AND OBJECTIVES: Smoking is becoming very important for anesthetic morbidity. In spite of its widespread noxious effects on health, developing countries have increasing statistics on smoking population. This review aimed at showing action mechanisms and effects of cigarettes on different organs and systems, and their impact on physiology, preoperative risk and management of smokers during preanesthetic preparation, in addition to postoperative complications. CON (mais) TENTS: Several action mechanisms of cigarettes and their components on organ and systems, organic consequences and the anesthetic approach to decrease perioperative morbidity in those patients are presented. CONCLUSIONS: Smoking history in preanesthetic evaluation should be highly valued and preventive measures should be taken with regard to systemic effects, thus minimizing surgical and anesthetic risks.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

29

TABAGISMO ENTRE TRABALHADORES DE UMA USINA SUCRO-ALCOOLEIRA NO BRASIL/ TOBACCO SMOKING AMONG WORKERS FROM A SUGAR-ALCOHOL PLANT IN BRAZIL/ TABAQUISMO ENTRE TRABAJADORES DE UNA USINA SUCRO-ALCOHOLERA EN BRASIL

MARCHI BARCELLOS DALRI, RITA DE CÁSSIA DE
2006-06-01

Resumo em português Realizou-se uma pesquisa em uma Usina Sucro-Alcooleira brasileira, para identificação do hábito do tabagismo entre parte de seus trabalhadores. O instrumento utilizado na pesquisa foi entrevista estruturada, sendo questionados 248 trabalhadores de 17 setores da área industrial. Espera-se que o estudo contribua para a abordagem da produtividade e do absenteísmo, principalmente relacionado aos problemas de saúde; nos diferentes setores questionados, considerando-se qu (mais) e é de interesse da empresa e de seus trabalhadores levando em consideração que tal hábito tem relação direta com suas qualidades de vida. Os resultados mostraram, que a maioria dos trabalhadores não fumava, seguidos dos que fumavam até 20 cigarros por dia e apenas 2 trabalhadores, ou seja, 0,81%, responderam que fumavam mais de 20 cigarros diariamente, evidenciando assim que o hábito do tabagismo prevaleceu entre a minoria dos trabalhadores pesquisados. Salienta-se que esses trabalhadores atuam em áreas de risco para incêndio Resumo em espanhol Se realizó una encuesta en una Usina Sucro-Alcoholera en Brasil, para identificación del hábito del tabaquismo entre algunos de sus trabajadores. El método utilizado en la encuesta fue la entrevista estructurada, siendo entrevistados 248 trabajadores de 17 sectores de la área industrial de la empresa. Con tal información se esperó contribuir para el abordaje de la productividad y del ausentismo principalmente relacionado a problemas de salud; en los diferentes sect (mais) ores cuestionados, siendo por lo tanto este estudio, de interés para la empresa y sus trabajadores, teniendo en consideración que tal hábito tiene relación directa con sus cualidades de vida. Los resultados mostraron que la mayoría de los trabajadores no fumaba, seguidos de los que fumaban hasta 20 cigarrillos por día y apenas 2 trabajadores (0,81%) respondieron que fumaban más de 20 cigarrillos por día, evidenciando así que el hábito del tabaquismo prevaleció entre la minoría de los trabajadores encuestados. Se enfatiza que esos trabajadores actúan en el área de riesgo para incendio Resumo em inglês A survey was held in a Sugar-Alcohol Plant in Brazil in order to identify tobacco smoking habits among its workers. The method was a quiz interview, whereas 248 workers from 17 different sectors of the company were interviewed. This information is expected to contribute to studies of productivity and absenteeism from work, in particular those related to health problems in the sectors where the interviews were carried out. Therefore, this study is of the foremost interest (mais) for the company and its workers, considering that such habit has a close relationship to their quality of life. The results have shown that the majority of the workers do not smoke, followed by those who smoke up to 20 cigarettes a day. Only 2 workers (0,81%) reported that they smoke more than 20 cigarettes a day, showing that the tobacco smoking habit prevails only among a small fraction of the interviewed workers. These data should be taken into consideration since most of them work in fire risk areas

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

30

Variáveis relacionadas à iniciação do tabagismo entre estudantes do ensino médio de escola pública e particular na cidade de Belém - PA/ Variables related to smoking initiation among students in public and private high schools in the city of Belém, Brazil

Pinto, Denise da Silva; Ribeiro, Sandra Aparecida
2007-10-01

Resumo em português OBJETIVO: Analisar as variáveis relacionadas à iniciação do tabagismo entre adolescentes estudantes de nível médio de uma escola particular e outra pública, na cidade de Belém-PA, em 2005. MÉTODOS: Para a coleta de dados, foi utilizado um questionário não identificado, de autopreenchimento, com 27 questões fechadas, sobre experimentação de cigarro, fumo habitual, acesso à compra de cigarros, motivo para a experimentação do fumo, autopercepção sobre o se (mais) u rendimento escolar, diálogo sobre tabagismo no ambiente familiar e nível sócio-econômico. Participaram do estudo 1520 estudantes, sendo 724 (47,6%) da rede particular e 796 (52,4%) da rede pública. RESULTADOS: A média de idade dos estudantes foi de 16,5 anos. Dos 1520 estudantes, 669 (44%) referiram ter experimentado cigarro e 11% faziam uso habitual de cigarros. A proporção de experimentadores na escola pública foi de 51,2% e na particular foi de 36,7% (p = 0); a de fumantes habituais foi 14,6% na escola pública e de 7% na particular (p = 0). As associações encontradas para iniciação e uso atual de cigarro em ambas as escolas foram: curiosidade, presença de pessoas fumantes no convívio social do adolescente, não ter sido elogiado por não fumar, e se considerar um aluno regular ou ruim. Não houve associação entre experimentação e fumo atual com classes sociais nas duas escolas, exceto para experimentadores das classes A e B na escola particular. CONCLUSÕES: A variável mais importante para fumo entre os estudantes foi a curiosidade. A experimentação e uso habitual de cigarro foram mais freqüentes na escola pública que na particular. Resumo em inglês OBJETIVE: To analyze the variables related to smoking initiation among adolescent students in two high schools (one public and one private) in the city of Belém, Brazil, in 2005. METHODS: An anonymous self-report questionnaire - comprising 27 closed questions regarding smoking experimentation, smoking habit, access to buying cigarettes, reasons for smoking experimentation, self-perception regarding academic performance, conversations about smoking with the family, and so (mais) cioeconomic level - was used for data collection. The study comprised 1520 students: 724 (47.6%) from the private school and 796 (52.4%) from the public school. RESULTS: Mean age of participants was 16.5 years. Of the 1520 students evaluated, 669 (44%) reported experimenting with smoking, and 11% smoked regularly. In the public school and the private school, respectively, 51.2% and 36.7% of the participants had experimented with smoking (p = 0); 14.6% and 7%, respectively, were regular smokers (p = 0). We found that, in both schools, the following factors were associated with smoking initiation and current smoking: curiosity, presence of smokers as social contacts, not being praised for not smoking, and perceiving oneself as having poor or mediocre academic performance. Socioeconomic level was found to be associated with experimentation and current smoking only among experimenters of higher socioeconomic classes (A and B) in the private school. CONCLUSIONS: Among the students evaluated, the variable most closely associated with smoking was curiosity. Experimentation and regular tobacco use were more common in the public school than in the private school.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

31

Caracterização dos fumadores e factores que influenciam a motivação para a cessação tabágica/ A characterisation of smokers and factors influencing motivation to stop smoking

Rosendo, Inês; Fonseca, Gorete; Guedes, Ana Rita; Martins, Vera
2009-10-01

Resumo em português Introdução: O tabaco é actualmente um dos maiores problemas de saúde pública. Desta forma, o conhecimento do perfil do fumador é essencial para poder adequar estratégias de intervenção, sendo fundamental avaliar a sua motivação. Objectivos: Calcular a prevalência de fumadores de quatro ficheiros de três centros de saúde do distrito de Coimbra e caracterizá-los em termos demográficos, padrão de consumo, motivação para a cessação tabágica e comorbilida (mais) des. Determinar a relação entre motivação para deixar de fumar e idade, sexo, idade de início e quantidade do consumo, co morbilidades cardiovasculares, respiratórias e psiquiátricas associadas. Metodologia: Estudo descritivo com componente analítico. População acessível: utentes entre 15 e 65 anos, utilizadores da consulta de quatro ficheiros de três centros de saúde do distrito de Coimbra entre Junho e Agosto de 2007. Tratamento de dados: SPSS17. Resultados: Duzentos e vinte e quatro entrevistados aleatoriamente, 64,3% mulheres, com idade média de 44,9 anos. A prevalência de fumadores foi de 17% (52,63% mulheres). A idade média dos fumadores foi de 39,4 anos. A idade média de início de consumo tabágico foi de 17,2 anos. A quantidade média de cigarros consumidos foi de 17,5/dia. Dos fumadores, 50% eram portadores de comorbilidades. Não foi encontrada associação estatisticamente significativa de nenhum destes factores com a motivação para deixar de fumar. Discussão/conclusão: Os resultados obtidos são sobreponíveis a outros estudos nacionais. Entre os jovens, há mais mulheres fumadoras, e as mulheres fumam menos cigarros/dia. Das co morbilidades estudadas, as mais frequentes foram as cardiovasculares e as psiquiátricas. Apenas metade dos fumadores estavam motivados para a cessação tabágica. Resumo em inglês Background: Smoking is currently a leading public health priority. Profiling smokers allows for adequate intervention strategies and it is important to assess smokers’ motivation. Aims: To calculate the rate of smokers in 4 files from 3 Health Centres in Coimbra and characterise smokers in terms of demographics, consumption pattern, motivation for smoking cessation and co-morbidities. Investigate the relationship between motivation to stop smoking and age, gender, consum (mais) ption and age at starting smoking and cardiovascular, respiratory and psychiatric co-morbidities. Methods: Descriptive study with analytical component. Accessible population: 15-65 year old patients from 4 files from 3 Health Centres in Coimbra seen July - August 2007. Data treatment: SPSS 17. Results: 224 randomly interviewed patients, 64.3% women; mean age 44.9 years old. Rate of smokers was 17% (52.63% female). Smokers’ mean age was 39.4 years old. The mean age at starting smoking was 17.2 years old (16.4 in men). Mean cigarette consumption was 17.5/day (13.3 in women). 47.4% was poorly motivated, 52.6% moderate/highly motivated. 50% of the smokers had co-morbidities. There was no association between any of these factors and smoking cessation motivation. Discussion/conclusions: The results are similar to other national studies. There were more younger female smokers than male, but females smoked fewer cigarettes/day. In this study the most frequent co-morbidities were cardiovascular and psychiatric. Only half of the smokers were motivated to stop smoking.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

32

Efeito dose-resposta de fatores de risco para a doença isquêmica do coração/ Dose-response effect of risk factors to ischaemic heart disease

Moraes, Suzana Alves de; Souza, José Maria Pacheco de
1996-10-01

Resumo em português Resultados de diversos estudos têm apontado a relevância da hipertensão arterial, do hábito de fumar e da hipercolesterolemia como fatores de risco para a doença isquêmica do coração (DIC). Poucos autores têm investigado a existência de gradiente linear relacionando a quantidade destas exposições com os eventos coronarianos. Com o objetivo de avaliar o efeito de diferentes graus de exposição a estas variáveis sobre a DIC, procedendo-se ao ajustamento para p (mais) ossíveis variáveis de confusão, foi feito estudo planejado sob a forma de desenho tipo caso-controle, tendo a coleta de dados se estendido de março de 1993 a fevereiro de 1994. Foram estudados 833 indivíduos de ambos os sexos, na faixa etária compreendida entre 30 e 69 anos completos, sendo todos residentes no Município de São Paulo, SP (Brasil). Foram comparados 280 casos com 553 controles (285 controles de vizinhança e 268 controles hospitalares). A técnica estatística utilizada para a análise dos dados foi a regressão logística multivariada. Os resultados permitiram identificar gradiente linear para as variáveis duração da hipertensão arterial e para número de cigarros consumidos/dia. As variáveis duração do hábito de fumar e duração da hipercolesterolemia, embora tendo apresentado "odds ratios" significantes para as respectivas categorias de exposição, não apresentaram gradiente linear. Foram discutidos aspectos metodológicos que poderiam exercer influência sobre a tendência dos "odds ratios" nas categorias de exposição das variáveis duração do hábito de fumar e duração da hipercolesterolemia. Conclui-se que os efeitos dose-resposta observados para as variáveis duração da hipertensão arterial e número de cigarros consumidos/dia foram independentes da presença nos modelos de potentes fatores de risco para a doença isquêmica do coração. Resumo em inglês Several authors have reported hypertension, smoking and hypercholesterolemia as independent risk factors to ischaemic heart disease (IHD). However few of them have investigated the existence of a linear gradient related to the levels of these exposures and IHD. The effect of different levels of these exposures and IHD after adjusting for known confounders of effect, is assessed. The project was designed as a case-control study and the data were collected over one year fro (mais) m March/93 to February/94. The sample was composed of a total of 833 individuals of both genders aged 30-69 living in the city of S. Paulo, SP (Brazil), 280 of whom were compared with 553 controls (285 neighbourhood controls and 268 hospital controls). Logistic regression was the statistical method wold for the analysis of the data. The results showed a linear gradient for known duration of hypertension and daily number of cigarettes consumed. Although the variables duration of hypercholesterolemia and duration of the habit smoking presented statistically significant odds ratio in the respective strata there was no indication of a linear gradient. Some methodological issues are presented to explain this absence of a linear gradient for known duration of hypercholesterolemia and duration of the smoking habit. It is concluded that the dose response effect detected for known duration of hypertension and daily number of cigarettes consumed were independent of the presence of major risk factors ischaemic heart disease.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

33

Efeito dose-resposta de fatores de risco para a doença isquêmica do coração/ Dose-response effect of risk factors to ischaemic heart disease

Moraes, Suzana Alves de; Souza, José Maria Pacheco de
1996-10-01

Resumo em português Resultados de diversos estudos têm apontado a relevância da hipertensão arterial, do hábito de fumar e da hipercolesterolemia como fatores de risco para a doença isquêmica do coração (DIC). Poucos autores têm investigado a existência de gradiente linear relacionando a quantidade destas exposições com os eventos coronarianos. Com o objetivo de avaliar o efeito de diferentes graus de exposição a estas variáveis sobre a DIC, procedendo-se ao ajustamento para p (mais) ossíveis variáveis de confusão, foi feito estudo planejado sob a forma de desenho tipo caso-controle, tendo a coleta de dados se estendido de março de 1993 a fevereiro de 1994. Foram estudados 833 indivíduos de ambos os sexos, na faixa etária compreendida entre 30 e 69 anos completos, sendo todos residentes no Município de São Paulo, SP (Brasil). Foram comparados 280 casos com 553 controles (285 controles de vizinhança e 268 controles hospitalares). A técnica estatística utilizada para a análise dos dados foi a regressão logística multivariada. Os resultados permitiram identificar gradiente linear para as variáveis duração da hipertensão arterial e para número de cigarros consumidos/dia. As variáveis duração do hábito de fumar e duração da hipercolesterolemia, embora tendo apresentado "odds ratios" significantes para as respectivas categorias de exposição, não apresentaram gradiente linear. Foram discutidos aspectos metodológicos que poderiam exercer influência sobre a tendência dos "odds ratios" nas categorias de exposição das variáveis duração do hábito de fumar e duração da hipercolesterolemia. Conclui-se que os efeitos dose-resposta observados para as variáveis duração da hipertensão arterial e número de cigarros consumidos/dia foram independentes da presença nos modelos de potentes fatores de risco para a doença isquêmica do coração. Resumo em inglês Several authors have reported hypertension, smoking and hypercholesterolemia as independent risk factors to ischaemic heart disease (IHD). However few of them have investigated the existence of a linear gradient related to the levels of these exposures and IHD. The effect of different levels of these exposures and IHD after adjusting for known confounders of effect, is assessed. The project was designed as a case-control study and the data were collected over one year fro (mais) m March/93 to February/94. The sample was composed of a total of 833 individuals of both genders aged 30-69 living in the city of S. Paulo, SP (Brazil), 280 of whom were compared with 553 controls (285 neighbourhood controls and 268 hospital controls). Logistic regression was the statistical method wold for the analysis of the data. The results showed a linear gradient for known duration of hypertension and daily number of cigarettes consumed. Although the variables duration of hypercholesterolemia and duration of the habit smoking presented statistically significant odds ratio in the respective strata there was no indication of a linear gradient. Some methodological issues are presented to explain this absence of a linear gradient for known duration of hypercholesterolemia and duration of the smoking habit. It is concluded that the dose response effect detected for known duration of hypertension and daily number of cigarettes consumed were independent of the presence of major risk factors ischaemic heart disease.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

34

Tratamento do tabagismo com bupropiona e reposição nicotínica/ Smoking cessation with bupropion and nicotine replacement

HAGGSTRÄM, FÁBIO MARASCHIN; CHATKIN, JOSÉ MIGUEL; CAVALET-BLANCO, DANIELA; RODIN, VANESSA; FRITSHER, CARLOS CEZAR
2001-09-01

Resumo em português Introdução: Aproximadamente um terço da população adulta mundial usa produtos derivados do tabaco. Devido ao novo entendimento sobre o vício tabágico e ao surgimento de novas modalidades terapêuticas, as possibilidades de sucesso nas tentativas de abandono do fumo aumentaram significativamente. Objetivos: Avaliar os percentuais de sucesso/fracasso entre os fumantes tratados no Ambulatório de Auxílio ao Abandono do Tabagismo da Pontifícia Universidade Católica (mais) do Rio Grande do Sul (AAAT-PUCRS) e analisar possíveis fatores de risco para o fracasso no abandono do tabagismo. Pacientes e métodos: Através de ensaio clínico aberto, não randomizado, avaliaram-se os fumantes que procuraram o AAAT-PUCRS entre julho de 1999 e outubro de 2000, submetidos ao programa padronizado de auxílio ao abandono do tabagismo utilizado na instituição. A análise estatística foi feita por medidas de tendência central para variáveis quantitativas, pelo cálculo do risco relativo (com intervalo de confiança de 95%) para fatores associados e pela análise da curva de Kaplan-Meier para estudo do desfecho ao longo do tempo. Resultados: O estudo incluiu 169 pacientes (67,5% mulheres), com idade média de 46,4 (± 10,4) anos; a maioria fumava em média 20 cigarros/dia por 30 anos. Mesmo sendo esta uma coorte muito recente, pode-se verificar que, em relação aos desfechos sucesso/fracasso pontuais, 49% pararam de fumar, 14% diminuíram significativamente o número de cigarros fumados e 37% fracassaram. Entre as variáveis estudadas, a dependência grave à nicotina foi a única que esteve associada a maior risco de fracasso. Conclusões: Foi possível a obtenção de índices de abandono ao fumo satisfatórios utilizando metodologia padronizada, mas particularizada para cada paciente. O uso de terapêutica farmacológica aliada a técnicas cognitivo-comportamentais foi associado a maiores proporções de sucesso. Resumo em inglês Introduction: Around one third of the world adult population smoke. Due to the recent researches on the smoking addiction and to the use of new drugs, the possibilities to succeed on the attempts to quit smoking have increased remarkably. Purposes: To study the tobacco abstinence in patients under treatment at the Ambulatório de Auxílio ao Abandono do Tabagismo da Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (AAAT-PUCRS) and to evaluate the role of some varia (mais) bles as risk factors to the chosen outcomes. Patients and methods: In a prospective open clinical trial not randomized we studied all the smokers who attended the AAAT-PUCRS within July 1999 and October 2000. All of them were submitted to the same standard program; the results were analyzed by central tendency measures for quantifying variables, relative risk with a IC95% for the associated factors and the Kaplan Meier's curve for the analyses of the time trend. Results: The study included 169 patients (67.5% women), average age 46 (± 10.4) years old; the most of them smoked 20 cigarettes/day for around 30 years. Even for a very young cohort like this one, it was possible to show that in relation to the outcome success/failure, 49% of the patients quit smoking, 14% remarkably diminished the number of smoked cigarettes and 37% failed completely. For the studied variables, severe dependency to nicotine was the only one associated with an increased risk to failure quitting smoking. Conclusions: It was possible to achieve a reasonable quitting smoking percentage adopting standard procedures described, but adapted for each patient. Pharmacological therapy was associated to a higher percentage of success.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

35

Escala Razões para Fumar da Universidade de São Paulo: um novo instrumento para avaliar a motivação para fumar/ University of São Paulo Reasons for Smoking Scale: a new tool for the evaluation of smoking motivation

Souza, Elisa Sebba Tosta de; Crippa, José Alexandre de Souza; Pasian, Sonia Regina; Martinez, José Antônio Baddini
2010-12-01

Resumo em português OBJETIVO: Desenvolver uma nova escala voltada para a avaliação da motivação para fumar, incorporando questões do 68-item Wisconsin Inventory of Smoking Dependence Motives (WISDM-68, Inventário Wisconsin dos Motivos de Dependência ao Fumo, de 68 itens) na Modified Reasons for Smoking Scale (MRSS. Escala Razões para Fumar Modificada). MÉTODOS: Nove questões do WISDM-68 relativas à associação estreita, exposição a gatilhos/processos associativos e controle de (mais) peso foram incorporadas às 21 questões da MRSS. Um total de 311 fumantes (214 homens; idade média = 37,6 ± 10,8 anos; média de cigarros consumidos ao dia = 15,0 ± 9,2) responderam a nova escala, o Fagerström Test for Nicotine Dependence (FTND, Teste de Fagerström para Dependência de Nicotina) e outras questões. Empregamos a análise fatorial exploratória para determinar a estrutura fatorial da escala. A influência de algumas características clínicas nos escores da solução fatorial final foi também avaliada. RESULTADOS: A análise fatorial revelou uma solução com 21 questões agrupadas em nove fatores: dependência, prazer de fumar, redução da tensão, estimulação, automatismo, manuseio, tabagismo social, controle de peso e associação estreita. Para a escala como um todo, o coeficiente alfa de Cronbach foi de 0,83. As mulheres exibiram maiores escores para dependência, redução da tensão, manuseio, controle de peso e associação estreita do que os homens. Os escores do FTND correlacionaram-se positivamente com dependência, redução da tensão, estimulação, automatismo, tabagismo social e associação estreita. O número de cigarros fumados ao dia se associou com dependência, redução da tensão, estimulação, automatismo, associação estreita e manuseio. Os níveis de CO exalado mostraram associações positivas com dependência, automatismo e associação estreita. CONCLUSÕES: A nova escala fornece um quadro aceitável dos fatores motivacionais associados ao tabagismo, com confiabilidade e propriedades psicométricas satisfatórias. Resumo em inglês OBJECTIVE: To develop a new scale aimed at evaluating smoking motivation by incorporating questions and domains from the 68-item Wisconsin Inventory of Smoking Dependence Motives (WISDM-68) into the Modified Reasons for Smoking Scale (MRSS). METHODS: Nine WISDM-68 questions regarding affiliative attachment, cue exposure/associative processes, and weight control were added to the 21 questions of the MRSS. The new scale, together with the Fagerström Test for Nicotine Depen (mais) dence (FTND), was administered to 311 smokers (214 males; mean age = 37.6 ± 10.8 years; mean number of cigarettes smoked per day = 15.0 ± 9.2), who also provided additional information. We used exploratory factor analysis in order to determine the factor structure of the scale. The influence that certain clinical features had on the scores of the final factor solution was also analyzed. RESULTS: The factor analysis revealed a 21-question solution grouped into nine factors: addiction, pleasure from smoking, tension reduction, stimulation, automatism, handling, social smoking, weight control, and affiliative attachment. For the overall scale, the Cronbach's alpha coefficient was 0.83. Females scored significantly higher for addiction, tension reduction, handling, weight control, and affiliative attachment than did males. The FTND score correlated positively with addiction, tension reduction, stimulation, automatism, social smoking, and affiliative attachment. The number of cigarettes smoked per day was associated with addiction, tension reduction, stimulation, automatism, affiliative attachment, and handling. The level of exhaled CO correlated positively with addiction, automatism, and affiliative attachment. CONCLUSIONS: The new scale provides an acceptable framework of motivational factors for smoking, with satisfactory psychometric properties and reliability.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

36

Hábitos tabágicos em alunos do 6.º ano de Medicina e medidas anti-tabágicas/ Smoking habits of sixth year medical students and anti-smoking measures in Portugal

Borges, André; Marques, Filipa; Lima, José; Costa, Luís; Gonçalves, Patrícia; Fernandes, Rui; Gonçalves, Nídia
2008-03-01

Resumo em português Objectivos: Estudar os hábitos tabágicos, caracterizar o conhecimento, a aceitação de medidas anti-tabágicas e as expectativas em relação ao impacto destas na saúde pública em alunos do 6.º ano de Medicina, em Portugal. Material e métodos: Foi realizado um estudo descritivo transversal, cuja população-alvo foram os alunos de Medicina do sexto ano em Portugal. Foi utilizado um questionário auto-preenchido, anónimo, disponibilizado numa página online, que di (mais) vulgámos por correio electrónico. Para a análise de algumas variáveis, utilizámos tabelas de contingência e a prova do ÷2, com nível de significância de 0,05. Resultados: Obtivemos 255 questionários válidos. A taxa de fumadores foi de 18,04%. O consumo de cigarros mais frequente foi entre 1-10, sendo mais elevado entre os homens. A idade de início da maioria foi entre 13-18 anos, com as mulheres a começarem mais tarde. Dos fumadores, 36,96% já fizeram uma tentativa de cessação tabágica. A maioria dos inquiridos concorda com as medidas anti-tabágicas inquiridas e considera que irão diminuir o consumo e a morbimortalidade da população em geral. A formação sobre cessação tabágica foi considerada suficiente por 34,90%. Conclusões: Os resultados obtidos estão de acordo com as características da população em geral, nomeadamente quanto à prevalência de fumadores, idade de início do consumo de tabaco e elevada prevalência de mulheres fumadoras. As medidas anti-tabágicas parecem reunir consenso, segundo a nossa amostra, que também espera uma redução do consumo geral e individual, assim como da morbimortalidade. Resumo em inglês Objectives: To study the smoking habits of 6th year Portuguese medical students and assess their knowledge and acceptance of anti-smoking measures and how they felt these would impact on public health. Material and methods: We conducted a descriptive cross-sectional study, in which a self-administered, anonymous questionnaire was made available online to the target population (6th year Portuguese medical students). The relationships between some of the variables were anal (mais) ysed using contingency tables and the ÷2 test, with p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

37

O canto da sereia: notas sobre o discurso neoliberal na publicidade brasileira pós-1990/ Mermaid singing: notes on the neoliberal discourse in the post-90s brazilian advertising sector/ Le chant de la sirene: notes sur le discours néoliberal dans la publicité brésilienne après 1990

Rocha, Maria Eduarda da Mota
2007-06-01

Resumo em português Este artigo analisa manifestações do discurso neoliberal no setor publicitário brasileiro, o principal porta-voz do capital perante a "opinião pública". Por um lado, desde os anos 80 a crise econômica evidenciou os limites da modernização capitalista no Brasil, incapaz de produzir bem-estar generalizado. Isso desgastou a imagem de "promotor do progresso" antes fortemente associada ao capital, sobretudo o industrial. Contudo, com a relativa democratização do espa (mais) ço público brasileiro, setores organizados da sociedade encontraram canais para expressar o seu descontentamento, chegando mesmo a ameaçar os interesses de parcelas do capital na Constituinte e no Plano Cruzado. O resultado foi o "movimento pela livre iniciativa", articulado pelo Conselho Nacional de Auto-regulamentação Publicitária (Conar) ainda nos anos 80, e o discurso pela "liberdade de expressão comercial", que hoje é a principal arma do setor publicitário diante das investidas do Estado no sentido de regular as suas atividades, notadamente a promoção de produtos nocivos, como bebidas alcoólicas e cigarros. Resumo em inglês The following article analyses some manifestations of the neoliberal discourse in the Brazilian advertising sector - the main defender of big capital interests before the public opinion. Since the 80s, the economic crisis revealed the failures of capitalist modernization in Brazil and its capacity to produce generalized welfare. However, due to the relative democratization of the public space, organized sectors of civil society found channels to express their dissatisfact (mais) ion with the big enterprises. This process resulted in the works of the Constitution Assembly and the Cruzado Plan, which to some extent threatened those interests. The ‘movement pro free initiative,’ set up by Conar in the 80s, and the discourse of ‘free commercial expression,’ which is the main weapon of the advertising sector against State regulation, mainly in issues such as the selling of alcohol and cigarette, was the answer formulated by the conjoint action of big capital and advertising industry to this threat.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

38

Avaliando resultados de um programa de transferência de renda: o impacto do Bolsa-Escola sobre os gastos das famílias brasileiras

Resende, Anne Caroline Costa; Oliveira, Ana Maria Hermeto Camilo de
2008-01-01

Resumo em português Este trabalho tem como objetivo analisar os efeitos de programas de transferências monetárias sobre os gastos totais bem como sobre seus componentes para as famílias beneficiárias no Brasil, através do programa Bolsa-Escola. Para se alcançar tal objetivo é adotado um método não- experimental conhecido como pareamento baseado no escore de propensão (propensity score matching), utilizando os microdados da Pesquisa de Orçamentos Familiares (POF) 2002-2003. Realiza (mais) -se, ainda, uma análise de sensibilidade dos resultados obtidos a fim de se verificar a robustez do método à presença de variáveis não observadas, bem como à especificação do modelo de escore de propensão. Os resultados estimados sugerem um efeito positivo das transferências monetárias sobre o consumo das famílias pobres beneficiárias. O fato de os recursos serem prioritariamente destinados a despesas com alimentos, educação, produtos de higiene e vestuário em detrimento de itens como bebidas e cigarros, despesas diversas e bens duráveis significa que, em alguma medida, estes recursos estão sendo gastos de forma eficiente. É provável, também, que o aumento do consumo destas famílias eleve o seu nível de bem-estar, representando um "alívio" imediato sobre a pobreza. Resumo em inglês The aim of this work is to analyze the effects of cash transfers of public programs on household’s expenditures and their components, taking the Brazilian program Bolsa-Escola as a representative example. It is used a non experimental method called propensity score matching, with microdata from the Pesquisa de Orçamentos Familiares (POF) 2002-2003. Further, a sensitivity analysis is carried to certify that the propensity score model is well specified and still works in (mais) the presence of unobservable variables. Results suggest a positive effect of cash transfers on the poor beneficiary household’s consumption. The fact that household’s expenditures are concentrated on education, hygiene products, clothing and general food instead of drinks, cigarettes and durable goods means that, at some level, the money transferred is being efficiently spent. Hence, the increased consumption of the observed households enhances their welfare, which means an immediate relief from poverty conditions.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

39

Evolução temporal do tabagismo em estudantes de medicina, 1986, 1991, 1996/ Trends in smoking habits among medical students in 1986, 1991, 1996

Menezes, Ana; Palma, Eduardo; Holthausen, Ricardo; Oliveira, Ricardo; Oliveira, Pablo S; Devens, Eduardo; Steinhaus, Luciane; Horta, Bernardo; Victora, Cesar G
2001-04-01

Resumo em português OBJETIVO: Avaliar a tendência temporal do tabagismo em estudantes de medicina nos últimos dez anos. MÉTODOS: Realizou-se estudo transversal com estudantes do primeiro ao quinto ano do curso de medicina, em 1996. A amostra foi de 449 alunos que responderam a questionário auto-aplicável. Fumante era aquele que fumava um ou mais cigarros por dia há pelo menos um mês; ex-fumantes foram aqueles que, no período da entrevista, não eram fumantes regulares, mas o haviam s (mais) ido anteriormente. Pesquisa similar foi realizada em 1986 e 1991. RESULTADOS/CONCLUSÕES: A prevalência de tabagismo foi de 11%, comparada com 14% em 1991 e 21% em 1986. Apesar da redução do tabagismo nas três séries estudadas, a queda percentual entre 1996 e 1991 foi menor do que aquela observada entre 1991 e 1986. Em 1996, a prevalência do vício de fumar aumentou conforme o ano cursado. Não houve diferenças significativas quanto ao sexo. A maioria dos alunos mostrou-se favorável à proibição do fumo em locais de ensino e assistência e afirmaram que o tema era pouco valorizado no currículo da faculdade. Resumo em inglês OBJECTIVE: To evaluate trends in smoking habits among medical students in the last ten years. METHODS: In 1996, a cross-sectional survey of smoking habits was carried out among students in the first to the fifth year of medical school. Four hundred and nine students answered the questionnaire. A regular smoker was defined as someone who smokes one or more cigarettes a day at least for one month; former smokers were the ones who used to smoke in the past but not at the mom (mais) ent. Similar researchs were conducted in 1986 and 1991. RESULTS/CONCLUSIONS: Smoking prevalence was 11% compared with 14% in 1991 and 21% in 1986. Although there was a significant reduction of smoking in the last three years, the actual decrease from 1991 to 1996 was less than that observed from 1986 to 1991. In 1961, the prevalence of smoking increased in the last years of medical school. There were no significant differences regarding gender. Most of the students were in favor of not allowing smoking in both the school areas and hospital wards. They also mentioned in their questionnaire that smoking was poorly approached during medical school.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

40

Evolução temporal do tabagismo em estudantes de medicina, 1986, 1991, 1996/ Trends in smoking habits among medical students in 1986, 1991, 1996

Menezes, Ana; Palma, Eduardo; Holthausen, Ricardo; Oliveira, Ricardo; Oliveira, Pablo S; Devens, Eduardo; Steinhaus, Luciane; Horta, Bernardo; Victora, Cesar G
2001-04-01

Resumo em português OBJETIVO: Avaliar a tendência temporal do tabagismo em estudantes de medicina nos últimos dez anos. MÉTODOS: Realizou-se estudo transversal com estudantes do primeiro ao quinto ano do curso de medicina, em 1996. A amostra foi de 449 alunos que responderam a questionário auto-aplicável. Fumante era aquele que fumava um ou mais cigarros por dia há pelo menos um mês; ex-fumantes foram aqueles que, no período da entrevista, não eram fumantes regulares, mas o haviam s (mais) ido anteriormente. Pesquisa similar foi realizada em 1986 e 1991. RESULTADOS/CONCLUSÕES: A prevalência de tabagismo foi de 11%, comparada com 14% em 1991 e 21% em 1986. Apesar da redução do tabagismo nas três séries estudadas, a queda percentual entre 1996 e 1991 foi menor do que aquela observada entre 1991 e 1986. Em 1996, a prevalência do vício de fumar aumentou conforme o ano cursado. Não houve diferenças significativas quanto ao sexo. A maioria dos alunos mostrou-se favorável à proibição do fumo em locais de ensino e assistência e afirmaram que o tema era pouco valorizado no currículo da faculdade. Resumo em inglês OBJECTIVE: To evaluate trends in smoking habits among medical students in the last ten years. METHODS: In 1996, a cross-sectional survey of smoking habits was carried out among students in the first to the fifth year of medical school. Four hundred and nine students answered the questionnaire. A regular smoker was defined as someone who smokes one or more cigarettes a day at least for one month; former smokers were the ones who used to smoke in the past but not at the mom (mais) ent. Similar researchs were conducted in 1986 and 1991. RESULTS/CONCLUSIONS: Smoking prevalence was 11% compared with 14% in 1991 and 21% in 1986. Although there was a significant reduction of smoking in the last three years, the actual decrease from 1991 to 1996 was less than that observed from 1986 to 1991. In 1961, the prevalence of smoking increased in the last years of medical school. There were no significant differences regarding gender. Most of the students were in favor of not allowing smoking in both the school areas and hospital wards. They also mentioned in their questionnaire that smoking was poorly approached during medical school.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

41

Análise da utilização do Questionário de Tolerância de Fagerström (QTF) como instrumento de medida da dependência nicotínica/ Analysis of the use of the Fagerström Tolerance Questionnaire as an instrument to measure nicotine dependence

HALTY, LUIS SUÁREZ; HÜTTNER, MAURA DUMONT; OLIVEIRA NETTO, ISABEL CRISTINA DE; SANTOS, VALÉRIA A. DOS; MARTINS, GRASIELE
2002-07-01

Resumo em português Introdução: O Hospital Universitário é referência na cidade de Rio Grande, no Rio Grande do Sul, para pneumopatas crônicos, sendo importante a existência de um programa para cessação do fumo. Objetivos: Analisar a utilização do Questionário de Tolerância de Fagerström como instrumento de medida da magnitude da dependência nicotínica do paciente tabagista e obter subsídios para planejar a conduta terapêutica mais adequada. Material e método: Aplicação (mais) do Questionário de Tolerância de Fagerström em pacientes adultos fumantes regulares, dos setores de Clínica Médica e Pneumologia do Hospital Universitário e Santa Casa de Rio Grande durante o período de 12 meses. Foram preenchidos 301 questionários válidos, sendo 40,5% dos entrevistados do sexo feminino e 59,5% do masculino. A média de idade dos participantes foi de 48,6 anos. Conforme a pontuação obtida com o questionário, os pacientes foram classificados segundo sua dependência nicotínica em cinco graus: muito baixa, baixa, média, elevada e muito elevada. Resultados: 54,9% dos fumantes pertenciam ao Grupo de Elevada Dependência Nicotínica (³ 6 pontos). Foi encontrada associação entre elevada dependência nicotínica e consumo diário de cigarros ou tempo até o fumar o primeiro cigarro do dia (p Resumo em inglês Introduction: The University Hospital is reference in the city of Rio Grande, in the State of Rio Grande do Sul, Southeast part of Brazil, for chronic lung disease patients, with a major smoking cessation program. Aim: The purpose of this work was to analyze the utilization of Fagerström Tolerance Questionnaire to assess the nicotine dependence of smoking patients with reference to individualization of treatment. Material and Method: The authors used the Fagerström Tole (mais) rance Questionnaire (FTQ) in daily smoking adult patients from the Medical Clinic and Chest Medicine Units of the University Hospital and Rio Grande Santa Casa Hospital, during the period of one year. Three hundred and one valid questionnaires were filled out, 40.5% by females and 59.5% by males. Mean age was 48.6 years. The score of the questionnaires classified patients by dependence into five degrees: very low, low, medium, high, and very high. Results: 54.9% belong to the group of high nicotine dependence (score ³ 6), with a significant correlation of elevated nicotine dependence and cigarettes per day or time to the first cigarette of the day (p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

42

Levantamento dos hábitos de vida e fatores associados à ocorrência de câncer de tabagistas do município de Sidrolândia (MS, Brasil)/ Survey of the life-styles and factors associated with the occurrence of cancer in smokers from the city of Sidrolândia (MS, Brazil)

Feitosa, Renata Cristina Losano; Pontes, Elenir Rose Jardim Cury
2011-02-01

Resumo em português O estudo refere-se a um levantamento dos hábitos de vida e fatores associados à ocorrência de câncer de tabagistas de Sidrolândia (MS). Participaram 501 tabagistas cadastrados no Programa de Saúde da Família, que foram identificados pelos agentes comunitários de saúde. Responderam a um formulário baseado nos inquéritos utilizados pelo Instituto Nacional de Câncer e Programa de Prevenção e Vigilância. Os resultados coletados demonstraram que os sujeitos dest (mais) e estudo são em sua maioria mulheres de 26 a 45 anos de idade (p= 0,035), residem com companheiro, não trabalham fora, têm pouca escolaridade e renda familiar per capita de até um salário mínimo. Começaram a fumar na adolescência e fazem de uso de cigarro industrializado. Fumam uma média de dez cigarros por dia, inclusive dentro de casa, mesmo sabendo que isso faz mal à saúde, expondo a família ao tabagismo passivo. Quanto aos problemas de saúde, 30,6% têm problemas respiratórios/alérgicos; 17,4%, pressão alta; e 10,8%, depressão. O sedentarismo foi relatado por 77,6% dos entrevistados; o hábito frequente de ingerir bebidas alcoólicas, por 48,7%; e o excesso de peso, por 37,1%. Apenas 5,8% dos entrevistados relataram somente tabagismo; 94,2% apresentaram, além do tabagismo, um ou mais desses fatores associados à ocorrência de câncer. Resumo em inglês The study refers to a survey of the life-styles and factors associated with the occurrence of cancer in smokers of Sidrolândia (MS, Brazil). Study participants were 501 smokers registered in the Family Health Program, which were identified by community health agents. They answered a questionnaire based on the surveys used by the National Institute of Cancer and Prevention and Surveillance Program. The results showed that: the subjects are mostly women from 26 to 45 years (mais) of age (p= 0,035), living with a partner, do not work out, have little schooling and per capita family income of up to one minimum wage. Also they began to smoke in adolescence and smoke industrialized cigarette. They smoke an average of ten cigarettes a day, even indoors, even knowing that this is harmful to health, exposing the family to passive smoking. As for health problems, 30.6% have respiratory problems/allergy, 17.4% high-pressure and 10.8% depression. The sedentary was reported by 77.6% of the interviewees, the frequent habit of drinking alcohol by 48.7% and over-weight by 37.1%. Only 5.8% of respondents reported only smoking, 94.2% presented one or more of these factors associated with the occurrence of cancer.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

43

Levantamento dos hábitos de vida e fatores associados à ocorrência de câncer de tabagistas do município de Sidrolândia (MS, Brasil)/ Survey of the life-styles and factors associated with the occurrence of cancer in smokers from the city of Sidrolândia (MS, Brazil)

Feitosa, Renata Cristina Losano; Pontes, Elenir Rose Jardim Cury
2011-02-01

Resumo em português O estudo refere-se a um levantamento dos hábitos de vida e fatores associados à ocorrência de câncer de tabagistas de Sidrolândia (MS). Participaram 501 tabagistas cadastrados no Programa de Saúde da Família, que foram identificados pelos agentes comunitários de saúde. Responderam a um formulário baseado nos inquéritos utilizados pelo Instituto Nacional de Câncer e Programa de Prevenção e Vigilância. Os resultados coletados demonstraram que os sujeitos dest (mais) e estudo são em sua maioria mulheres de 26 a 45 anos de idade (p= 0,035), residem com companheiro, não trabalham fora, têm pouca escolaridade e renda familiar per capita de até um salário mínimo. Começaram a fumar na adolescência e fazem de uso de cigarro industrializado. Fumam uma média de dez cigarros por dia, inclusive dentro de casa, mesmo sabendo que isso faz mal à saúde, expondo a família ao tabagismo passivo. Quanto aos problemas de saúde, 30,6% têm problemas respiratórios/alérgicos; 17,4%, pressão alta; e 10,8%, depressão. O sedentarismo foi relatado por 77,6% dos entrevistados; o hábito frequente de ingerir bebidas alcoólicas, por 48,7%; e o excesso de peso, por 37,1%. Apenas 5,8% dos entrevistados relataram somente tabagismo; 94,2% apresentaram, além do tabagismo, um ou mais desses fatores associados à ocorrência de câncer. Resumo em inglês The study refers to a survey of the life-styles and factors associated with the occurrence of cancer in smokers of Sidrolândia (MS, Brazil). Study participants were 501 smokers registered in the Family Health Program, which were identified by community health agents. They answered a questionnaire based on the surveys used by the National Institute of Cancer and Prevention and Surveillance Program. The results showed that: the subjects are mostly women from 26 to 45 years (mais) of age (p= 0,035), living with a partner, do not work out, have little schooling and per capita family income of up to one minimum wage. Also they began to smoke in adolescence and smoke industrialized cigarette. They smoke an average of ten cigarettes a day, even indoors, even knowing that this is harmful to health, exposing the family to passive smoking. As for health problems, 30.6% have respiratory problems/allergy, 17.4% high-pressure and 10.8% depression. The sedentary was reported by 77.6% of the interviewees, the frequent habit of drinking alcohol by 48.7% and over-weight by 37.1%. Only 5.8% of respondents reported only smoking, 94.2% presented one or more of these factors associated with the occurrence of cancer.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

44

Tabagismo entre trabalhadores de empresa bancária/ Cigarette smoking among workers of a Bank

Griep, Rosane H.; Chór, Dora; Camacho, Luiz A. B.
1998-12-01

Resumo em português OBJETIVO: Descrever a prevalência de tabagismo e sua associação com outros fatores de risco para doenças crônicas entre funcionários dos centros de processamentos de serviços e comunicações de uma empresa bancária. MÉTODO: Estudo seccional de amostra aleatória simples de 647 funcionários, através de questionário auto-respondido no ambiente de trabalho. RESULTADOS: A prevalência de tabagismo foi de 29,5% (Intervalo de Confiança (IC) 95%: 27,5% a 31,5%), se (mais) ndo 31,1% (IC 95%: 26,2% a 35,8%) entre homens e 27,8% (IC 95%: 22,6% a 32,9%) entre mulheres. O início do hábito ocorreu, em média, aos 17,6 anos entre os homens e 19,4 anos entre as mulheres. Observou-se alta prevalência de grandes fumantes entre homens e mulheres (53% e 42% respectivamente fumavam mais de 20 cigarros por dia). A freqüência de tabagismo foi maior nos mais velhos, nos divorciados separados e viúvos, nos hipertensos, naqueles que consumiam mais bebidas alcoólicas, e nos que não praticavam exercícios físicos. Comparados aos não-fumantes, os ex-fumantes eram mais velhos, consumiam mais bebidas alcoólicas e apresentavam maior freqüência de sobrepeso. CONCLUSÃO: A freqüência de tabagismo e de outros fatores de risco para as doenças crônicas, nesta categoria de trabalhadores, aponta para a necessidade de repensar estratégias das ações de saúde atualmente desenvolvidas. Oportunidades de intervenções preventivas mais eficazes e de menor custo podem estar sendo perdidas. Resumo em inglês OBJECTIVE: To describe the prevalence of cigarette smoking and its association with other risk factors for chronic diseases among active workers of communication and data processing centers of a Bank. METHODS: Cross-sectional study in a simple random sample of 647 active workers of the bank. The data were collected in the work environment, through self-administered questionnaires. RESULTS: The prevalence of cigarette smoking was 29.5% (95% Confidence Interval (CI): 27.5%- (mais) 31.5%), 31.1% (95%CI: 26.2%-35.8%) among men and 27.8% (95%CI: 22.6%-32.9%) among women. On average, males started smoking at the age of 17.6 years and women at the age of 19.4. High prevalence of heavy smokers was observed among men and women (53% and 42%, respectively, smoked more than 20 cigarettes per day). Smokers were older, more likely to be divorced, separated and widowed, to have high blood pressure, to drink alcoholic beverages more often, and to exercise less often than to non-smokers. Those who gave up smoking were older, drank more alcoholic beverages, and were more often overweight. CONCLUSION: The considerable frequency of smoking and other risk factors for chronic diseases among those workers may be an indication of the need for new strategies for health interventions. Opportunities for preventive actions, which are more effective and less costly, may have been lost.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

45

Tabagismo entre trabalhadores de empresa bancária/ Cigarette smoking among workers of a Bank

Griep, Rosane H.; Chór, Dora; Camacho, Luiz A. B.
1998-12-01

Resumo em português OBJETIVO: Descrever a prevalência de tabagismo e sua associação com outros fatores de risco para doenças crônicas entre funcionários dos centros de processamentos de serviços e comunicações de uma empresa bancária. MÉTODO: Estudo seccional de amostra aleatória simples de 647 funcionários, através de questionário auto-respondido no ambiente de trabalho. RESULTADOS: A prevalência de tabagismo foi de 29,5% (Intervalo de Confiança (IC) 95%: 27,5% a 31,5%), se (mais) ndo 31,1% (IC 95%: 26,2% a 35,8%) entre homens e 27,8% (IC 95%: 22,6% a 32,9%) entre mulheres. O início do hábito ocorreu, em média, aos 17,6 anos entre os homens e 19,4 anos entre as mulheres. Observou-se alta prevalência de grandes fumantes entre homens e mulheres (53% e 42% respectivamente fumavam mais de 20 cigarros por dia). A freqüência de tabagismo foi maior nos mais velhos, nos divorciados separados e viúvos, nos hipertensos, naqueles que consumiam mais bebidas alcoólicas, e nos que não praticavam exercícios físicos. Comparados aos não-fumantes, os ex-fumantes eram mais velhos, consumiam mais bebidas alcoólicas e apresentavam maior freqüência de sobrepeso. CONCLUSÃO: A freqüência de tabagismo e de outros fatores de risco para as doenças crônicas, nesta categoria de trabalhadores, aponta para a necessidade de repensar estratégias das ações de saúde atualmente desenvolvidas. Oportunidades de intervenções preventivas mais eficazes e de menor custo podem estar sendo perdidas. Resumo em inglês OBJECTIVE: To describe the prevalence of cigarette smoking and its association with other risk factors for chronic diseases among active workers of communication and data processing centers of a Bank. METHODS: Cross-sectional study in a simple random sample of 647 active workers of the bank. The data were collected in the work environment, through self-administered questionnaires. RESULTS: The prevalence of cigarette smoking was 29.5% (95% Confidence Interval (CI): 27.5%- (mais) 31.5%), 31.1% (95%CI: 26.2%-35.8%) among men and 27.8% (95%CI: 22.6%-32.9%) among women. On average, males started smoking at the age of 17.6 years and women at the age of 19.4. High prevalence of heavy smokers was observed among men and women (53% and 42%, respectively, smoked more than 20 cigarettes per day). Smokers were older, more likely to be divorced, separated and widowed, to have high blood pressure, to drink alcoholic beverages more often, and to exercise less often than to non-smokers. Those who gave up smoking were older, drank more alcoholic beverages, and were more often overweight. CONCLUSION: The considerable frequency of smoking and other risk factors for chronic diseases among those workers may be an indication of the need for new strategies for health interventions. Opportunities for preventive actions, which are more effective and less costly, may have been lost.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

46

Consumo de psicofármacos em uma região administrativa do Rio de Janeiro: a Ilha do Governador/ Consumption of psychotropic drugs in an Administrative Region of the city of Rio de Janeiro: Ilha do Governador

Almeida, Liz Maria de; Coutinho, Evandro da S. F.; Pepe, Vera Lúcia E.
1994-03-01

Resumo em português Em 1988, um inquérito epidemiológico foi realizado para se estimar a prevalência de alcoolismo crônico e uso de álcool na população da XX Região Administrativa da cidade do Rio de Janeiro. O instrumento incluiu perguntas sobre o consumo de psicofármacos, café e cigarros. Este trabalho analisa os dados referentes ao consumo de psicofármacos nos 30 dias anteriores à pesquisa. A amostra representativa da população acima de 13 anos foi composta por 1.459 pessoas (mais) , Os resultados mostram uma prevalência de consumo global de 5,2% (3,1% para homens e 6,7% para mulheres). As mulheres, as pessoas mais velhas (especialmente pessoas entre 60 e 69 anos), os separados e viúvos, e as pessoas de renda mais baixa apresentaram prevalências mais elevadas. Avaliou-se a associação de cada variável demográfica através do cálculo deodds ratio ajustado por regressão logística. Os tranqüilizantes derivados dos benzodiazepínicos predominaram entre os tipos de psicofármacos referidos (85,23%), seguidos pelos antiepilépticos (5,68%) e pelos hipnóticos e sedativos (4,54%). Os clínicos não-especializados em neurologia ou psiquiatria lideraram as prescrições (65,8%). Oitenta por cento dos medicamentos foram obtidos na rede privada, enquanto 13,16% foram adquiridos na farmácia pública, quase todos mediante a apresentação do receituário controlado. Os resultados são discutidos e novas linhas de pesquisa são apontadas. Resumo em inglês In 1988, a cross-sectional survey was conducted to estimate the prevalence of alcoholism and alcohol consumption in the 20th Administrative Region of the city of Rio de Janeiro. The interview protocol included questions about consumption of psychotropics, coffee, and cigarettes. This paper presents data from psychotropic consumption in the month. The sample of the population older than 13 years old included 1,459 subjects. Overall consumption of psychotropic drugs was 5.2 (mais) %. Rate of psychotropic use was higher for females (6.7%) than for males (3.1%). Users were predomonantly women, elderly, (the highest rate was for those between 60-69 years), divorced or widows, and with lower family income. The association of each socio-demographic variable was evaluated by the odds ratio adjusted by logistic regression. Anxiolytics (benzodiazepines) predominated (85.23%) among the reported psychotropics, followed by antiepileptics (5.68%) and hypnotics and sedatives (4.54%). Physicians not specializing in neurology or psychiatry lead prescriptions (65.8%). 80.26% of the drugs were obtained in pharmacies, while 13.16% were obtained in governmental institutions, most of them by controlled prescriptions. The results are discussed and new lines of research are suggested.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

47

Consumo de psicofármacos em uma região administrativa do Rio de Janeiro: a Ilha do Governador/ Consumption of psychotropic drugs in an Administrative Region of the city of Rio de Janeiro: Ilha do Governador

Almeida, Liz Maria de; Coutinho, Evandro da S. F.; Pepe, Vera Lúcia E.
1994-03-01

Resumo em português Em 1988, um inquérito epidemiológico foi realizado para se estimar a prevalência de alcoolismo crônico e uso de álcool na população da XX Região Administrativa da cidade do Rio de Janeiro. O instrumento incluiu perguntas sobre o consumo de psicofármacos, café e cigarros. Este trabalho analisa os dados referentes ao consumo de psicofármacos nos 30 dias anteriores à pesquisa. A amostra representativa da população acima de 13 anos foi composta por 1.459 pessoas (mais) , Os resultados mostram uma prevalência de consumo global de 5,2% (3,1% para homens e 6,7% para mulheres). As mulheres, as pessoas mais velhas (especialmente pessoas entre 60 e 69 anos), os separados e viúvos, e as pessoas de renda mais baixa apresentaram prevalências mais elevadas. Avaliou-se a associação de cada variável demográfica através do cálculo deodds ratio ajustado por regressão logística. Os tranqüilizantes derivados dos benzodiazepínicos predominaram entre os tipos de psicofármacos referidos (85,23%), seguidos pelos antiepilépticos (5,68%) e pelos hipnóticos e sedativos (4,54%). Os clínicos não-especializados em neurologia ou psiquiatria lideraram as prescrições (65,8%). Oitenta por cento dos medicamentos foram obtidos na rede privada, enquanto 13,16% foram adquiridos na farmácia pública, quase todos mediante a apresentação do receituário controlado. Os resultados são discutidos e novas linhas de pesquisa são apontadas. Resumo em inglês In 1988, a cross-sectional survey was conducted to estimate the prevalence of alcoholism and alcohol consumption in the 20th Administrative Region of the city of Rio de Janeiro. The interview protocol included questions about consumption of psychotropics, coffee, and cigarettes. This paper presents data from psychotropic consumption in the month. The sample of the population older than 13 years old included 1,459 subjects. Overall consumption of psychotropic drugs was 5.2 (mais) %. Rate of psychotropic use was higher for females (6.7%) than for males (3.1%). Users were predomonantly women, elderly, (the highest rate was for those between 60-69 years), divorced or widows, and with lower family income. The association of each socio-demographic variable was evaluated by the odds ratio adjusted by logistic regression. Anxiolytics (benzodiazepines) predominated (85.23%) among the reported psychotropics, followed by antiepileptics (5.68%) and hypnotics and sedatives (4.54%). Physicians not specializing in neurology or psychiatry lead prescriptions (65.8%). 80.26% of the drugs were obtained in pharmacies, while 13.16% were obtained in governmental institutions, most of them by controlled prescriptions. The results are discussed and new lines of research are suggested.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

48

Efetividade da bupropiona no tratamento de pacientes tabagistas com doença cardiovascular/ Effectiveness of sustained-release bupropion in the treatment of smoker patients with cardiovascular disease

Issa, Jaqueline Scholz; Perez, Glória Heloise; Diament, Jayme; Zavattieri, Angela Giuliana; Oliveira, Kátia Ulrich de
2007-04-01

Resumo em português OBJETIVOS: Avaliar a efetividade e a tolerabilidade da bupropiona no tratamento de fumantes com doenças cardiovasculares atendidos em rotina de tratamento ambulatorial do tabagismo, e analisar as variáveis preditoras de sucesso ou fracasso. MÉTODOS: A bupropiona foi prescrita de forma exclusiva para tratamento do tabagismo em 100 pacientes cardiopatas durante 12 semanas. O seguimento foi de 52 semanas. As variáveis estudadas foram sexo, idade, número de cigarros, con (mais) centração de monóxido de carbono, escala de dependência de nicotina, escala de depressão, escala de ansiedade, consumo de álcool, número de diagnósticos adicionais ao tabagismo, eventos adversos, e consumo de medicamentos concomitantes à bupropiona. RESULTADOS: A taxa de sucesso depois de 12 semanas foi de 50% e depois de 52 semanas, de 25%. A análise de regressão logística revelou que o envelhecimento foi positivamente associado ao sucesso e que o agravo da condição clínica, observado pelo maior número de diagnósticos associados ao tabagismo, foi negativamente associado ao sucesso. CONCLUSÃO: A bupropiona mostrou-se segura e com boa efetividade no tratamento de fumantes portadores de doenças cardiovasculares, especialmente durante a fase de uso (semana 12). Resumo em inglês OBJECTIVES: To evaluate the effectiveness of and tolerability to sustained-release bupropion, in smokers with cardiovascular diseases treated in a smoking cessation service, as well as to investigate variables predictive of success or failure in smoking cessation. METHODS: Sustained-release bupropion was prescribed to 100 current smokers with cardiovascular disease for 12 weeks. Patients were followed for 52 week. The variables studied were gender, age, number of cigarett (mais) es, exhaled carbon monoxide, nicotine dependence (Fagerstrom Tolerance Questionnaire), depression (Beck Depression Inventory), anxiety (State-Trait Anxiety Inventory), alcohol consumption (Alcohol Use Disorders Identification Test), number of diagnoses other than smoking, adverse events, and use of medications concomitantly with sustained-release bupropion. RESULTS: Abstinence rate was 50% at week 12 and 25% at week 52. The logistic regression analysis showed that ageing was positively associated with success, whereas the worsening of the condition, as verified by the presence of a higher number of other health conditions associated with smoking, was negatively associated with success. CONCLUSION: We conclude that the prescription of bupropion for smokers with cardiovascular diseases proved to be safe and effective, especially during the treatment period (week 12).

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

49

Auto-avaliação da saúde e fatores associados, Brasil, 2006/ Self-rated health and associated factors, Brazil, 2006/ Auto-evaluación de la salud y factores asociados, Brasil, 2006

Barros, Marilisa Berti de Azevedo; Zanchetta, Luane Margarete; Moura, Erly Catarina de; Malta, Deborah Carvalho
2009-11-01

Resumo em português OBJETIVO: Avaliar a prevalência de saúde auto-avaliada como ruim e fatores associados. MÉTODOS: Foram analisados dados de 54.213 pessoas com idade >18 anos, coletados pelo sistema de Vigilância de Fatores de Risco e Proteção para Doenças Crônicas por Inquérito Telefônico (VIGITEL) nas capitais brasileiras e Distrito Federal, em 2006. Um residente em cada domicílio, com ao menos uma linha de telefonia fixa, foi sorteado em amostras probabilísticas, respondendo (mais) ao questionário. As variáveis independentes analisadas foram de natureza demográfica, comportamental e de morbidade referida. Foram estimadas prevalências e razões de prevalência brutas e ajustadas da saúde auto-avaliada como ruim utilizando regressão de Poisson. RESULTADOS: Saúde auto-avaliada como ruim foi mais freqüente em mulheres, em indivíduos mais idosos, de menor escolaridade, sem atividade ocupacional, e residentes em capitais do Norte e do Nordeste; entre homens, a prevalência de auto-avaliação da saúde ruim foi mais elevada na região Sudeste comparativamente à Sul. Fumar > 20 cigarros/dia, não praticar atividade física no lazer regularmente e apresentar baixo peso ou obesidade associaram-se a auto-avaliação de saúde como sendo ruim em ambos os sexos; pré-obesidade e consumo freqüente de frutas e hortaliças foram significantes entre mulheres e, não assistir televisão, entre os homens. A prevalência de saúde como sendo ruim cresceu com o aumento do número de morbidades referidas. Apresentar quatro ou cinco morbidades resultou em RP=11,4 entre homens e RP=6,9 entre mulheres, em comparação àqueles que não apresentavam morbidades. CONCLUSÕES: Desigualdades regionais, de sexo e escolaridade foram observadas na prevalência da saúde auto-avaliada como ruim, e sua associação com comportamentos nocivos à saúde e comorbidades reforçam a necessidade de estratégias de promoção de hábitos saudáveis e de controle de doenças crônicas. Resumo em espanhol OBJETIVO: Evaluar la prevalencia de salud auto-evaluada como mal y factores asociados. MÉTODOS: Fueron analizados datos de 54.213 personas con edad > 18 años, colectados por el Sistema de Vigilancia de Factores de Riesgo y Protección para Enfermedades Crónicas por Pesquisa Telefónica (VIGITEL) en las capitales brasileras y Distrito Federal, en 2006. Un residente en cada domicilio, con al menos una línea telefónica fija, fue sorteado en muestras probabilísticas, re (mais) spondiendo al cuestionario. Las variables independientes analizadas fueron de naturaleza demográfica, de comportamiento y de morbilidad referida. Fueron estimadas prevalencias y razones de prevalencia brutas y ajustadas de la salud auto-evaluada como mal utilizando regresión de Poisson. RESULTADOS: Salud auto-evaluada como mal fue más frecuente en mujeres, en individuos más ancianos, de menor escolaridad, sin actividad ocupacional, y residentes en capitales del Norte y del Noreste; entre hombres, la prevalencia de auto-evaluación de la salud mal fue más elevada en la región Sureste comparativamente a la del Sur. Fumar > 20 cigarros/día, no practicar actividad física en el ocio regularmente y presentar bajo peso u obesidad se asociaron a auto-evaluación de salud como siendo mal en ambos sexos; pre-obesidad y consumo frecuente de frutas y hortalizas fueron significantes entre mujeres y, no ver televisión, entre los hombres. La prevalencia de salud como siendo mal creció con aumento del número de morbilidades referidas. Presentar cuatro o cinco morbilidades resultó en RP = 11,4 entre hombres y RP = 6,9 entre mujeres, en comparación a aquellos que no presentaban morbilidades. CONCLUSIONES: Desigualdades regionales, de sexo y escolaridad fueron observadas en la prevalencia de la salud auto-evaluada como mal, y su asociación con comportamientos nocivos a la salud y comorbilidades refuerzan la necesidad de estrategias de promoción de hábitos saludables y de control de enfermedades crónicas. Resumo em inglês OBJECTIVE: To assess prevalence of poor self-rated health and associated factors. METHODS: Data from 54,213 individuals aged >18 years, collected by the Vigilância de Fatores de Risco e Proteção para Doenças Crônicas por Inquérito Telefônico (VIGITEL - Telephone-based Surveillance of Risk and Protective Factors for Chronic Diseases), in Brazilian state capitals and Federal District, in 2006, were analyzed. One resident of each household, with at least one fixed tel (mais) ephone line, was randomly selected from probability samples, subsequently answering the questionnaire. Independent variables analyzed were of a demographic, behavioral and self-reported morbidity nature. Prevalences and crude and adjusted prevalence ratios of poor self-rated health were estimated using Poisson regression. RESULTS: Poor self-rated health was more frequent in women, older individuals and those with lower level of education, without an occupation and living in state capitals of the Northern and Northeastern regions; among men prevalence of poor self-rated health was higher in the Southeastern region than in the Southern region. Smoking > 20 cigarettes/day, lack of regular physical activity in leisure time and low weight or obesity were associated with poor self-rated health in both sexes; pre-obesity and frequent consumption of fruits and vegetables were significant in women, while not watching television was significant in men. Prevalence of poor self-rated health increased with the growth in the number of self-reported morbidities. Having four or five morbidities resulted in PR=11.4 in men and PR=6.9 in women, compared to those who did not have morbidities. CONCLUSIONS: Regional, sex and level of education inequalities were observed in the prevalence of poor self-rated health. In addition, its association with unhealthy behavior and comorbidities emphasize the need for strategies to promote healthy habits and those to control chronic diseases.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

50

Auto-avaliação da saúde e fatores associados, Brasil, 2006/ Self-rated health and associated factors, Brazil, 2006/ Auto-evaluación de la salud y factores asociados, Brasil, 2006

Barros, Marilisa Berti de Azevedo; Zanchetta, Luane Margarete; Moura, Erly Catarina de; Malta, Deborah Carvalho
2009-11-01

Resumo em português OBJETIVO: Avaliar a prevalência de saúde auto-avaliada como ruim e fatores associados. MÉTODOS: Foram analisados dados de 54.213 pessoas com idade >18 anos, coletados pelo sistema de Vigilância de Fatores de Risco e Proteção para Doenças Crônicas por Inquérito Telefônico (VIGITEL) nas capitais brasileiras e Distrito Federal, em 2006. Um residente em cada domicílio, com ao menos uma linha de telefonia fixa, foi sorteado em amostras probabilísticas, respondendo (mais) ao questionário. As variáveis independentes analisadas foram de natureza demográfica, comportamental e de morbidade referida. Foram estimadas prevalências e razões de prevalência brutas e ajustadas da saúde auto-avaliada como ruim utilizando regressão de Poisson. RESULTADOS: Saúde auto-avaliada como ruim foi mais freqüente em mulheres, em indivíduos mais idosos, de menor escolaridade, sem atividade ocupacional, e residentes em capitais do Norte e do Nordeste; entre homens, a prevalência de auto-avaliação da saúde ruim foi mais elevada na região Sudeste comparativamente à Sul. Fumar > 20 cigarros/dia, não praticar atividade física no lazer regularmente e apresentar baixo peso ou obesidade associaram-se a auto-avaliação de saúde como sendo ruim em ambos os sexos; pré-obesidade e consumo freqüente de frutas e hortaliças foram significantes entre mulheres e, não assistir televisão, entre os homens. A prevalência de saúde como sendo ruim cresceu com o aumento do número de morbidades referidas. Apresentar quatro ou cinco morbidades resultou em RP=11,4 entre homens e RP=6,9 entre mulheres, em comparação àqueles que não apresentavam morbidades. CONCLUSÕES: Desigualdades regionais, de sexo e escolaridade foram observadas na prevalência da saúde auto-avaliada como ruim, e sua associação com comportamentos nocivos à saúde e comorbidades reforçam a necessidade de estratégias de promoção de hábitos saudáveis e de controle de doenças crônicas. Resumo em espanhol OBJETIVO: Evaluar la prevalencia de salud auto-evaluada como mal y factores asociados. MÉTODOS: Fueron analizados datos de 54.213 personas con edad > 18 años, colectados por el Sistema de Vigilancia de Factores de Riesgo y Protección para Enfermedades Crónicas por Pesquisa Telefónica (VIGITEL) en las capitales brasileras y Distrito Federal, en 2006. Un residente en cada domicilio, con al menos una línea telefónica fija, fue sorteado en muestras probabilísticas, re (mais) spondiendo al cuestionario. Las variables independientes analizadas fueron de naturaleza demográfica, de comportamiento y de morbilidad referida. Fueron estimadas prevalencias y razones de prevalencia brutas y ajustadas de la salud auto-evaluada como mal utilizando regresión de Poisson. RESULTADOS: Salud auto-evaluada como mal fue más frecuente en mujeres, en individuos más ancianos, de menor escolaridad, sin actividad ocupacional, y residentes en capitales del Norte y del Noreste; entre hombres, la prevalencia de auto-evaluación de la salud mal fue más elevada en la región Sureste comparativamente a la del Sur. Fumar > 20 cigarros/día, no practicar actividad física en el ocio regularmente y presentar bajo peso u obesidad se asociaron a auto-evaluación de salud como siendo mal en ambos sexos; pre-obesidad y consumo frecuente de frutas y hortalizas fueron significantes entre mujeres y, no ver televisión, entre los hombres. La prevalencia de salud como siendo mal creció con aumento del número de morbilidades referidas. Presentar cuatro o cinco morbilidades resultó en RP = 11,4 entre hombres y RP = 6,9 entre mujeres, en comparación a aquellos que no presentaban morbilidades. CONCLUSIONES: Desigualdades regionales, de sexo y escolaridad fueron observadas en la prevalencia de la salud auto-evaluada como mal, y su asociación con comportamientos nocivos a la salud y comorbilidades refuerzan la necesidad de estrategias de promoción de hábitos saludables y de control de enfermedades crónicas. Resumo em inglês OBJECTIVE: To assess prevalence of poor self-rated health and associated factors. METHODS: Data from 54,213 individuals aged >18 years, collected by the Vigilância de Fatores de Risco e Proteção para Doenças Crônicas por Inquérito Telefônico (VIGITEL - Telephone-based Surveillance of Risk and Protective Factors for Chronic Diseases), in Brazilian state capitals and Federal District, in 2006, were analyzed. One resident of each household, with at least one fixed tel (mais) ephone line, was randomly selected from probability samples, subsequently answering the questionnaire. Independent variables analyzed were of a demographic, behavioral and self-reported morbidity nature. Prevalences and crude and adjusted prevalence ratios of poor self-rated health were estimated using Poisson regression. RESULTS: Poor self-rated health was more frequent in women, older individuals and those with lower level of education, without an occupation and living in state capitals of the Northern and Northeastern regions; among men prevalence of poor self-rated health was higher in the Southeastern region than in the Southern region. Smoking > 20 cigarettes/day, lack of regular physical activity in leisure time and low weight or obesity were associated with poor self-rated health in both sexes; pre-obesity and frequent consumption of fruits and vegetables were significant in women, while not watching television was significant in men. Prevalence of poor self-rated health increased with the growth in the number of self-reported morbidities. Having four or five morbidities resulted in PR=11.4 in men and PR=6.9 in women, compared to those who did not have morbidities. CONCLUSIONS: Regional, sex and level of education inequalities were observed in the prevalence of poor self-rated health. In addition, its association with unhealthy behavior and comorbidities emphasize the need for strategies to promote healthy habits and those to control chronic diseases.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

51

Tabaco e saúde no olhar de estudantes universitários/ Tobacco and health in the view of univerity students/ El tabaco y la salud en la visión de los estudiantes universitarios

Silva, Antonia Oliveira; Sousa, Cristina Maria Miranda de; Gaspar, Maria Filomena Mendes; Paredes, Maria Adelaide Silva; Tura, Luiz Fernando Rangel; Jesuíno, Jorge Correia
2008-08-01

Resumo em português Tabagismo constitui um sério problema de saúde pública. Este estudo tem o objetivo de conhecer as representações sociais sobre o fumo/tabaco e saúde construídas por estudantes universitários a partir das informações das campanhas antitabaco presentes nos pacotes (maços) de cigarros. Estudo exploratório desenvolvido com 63 estudantes universitários de enfermagem em Lisboa, Portugal. Utilizou-se para coleta a técnica da associação livre de palavras que foram (mais) submetidos ao software Tri-Deux Mots. Os estudantes associam "tabaco" a prazer, convívio; cancro; desagradável; desrespeito; mau cheiro; «saúde» é representada por: hospital; pessoal de saúde; felicidade; alegria; auto-estima elevada e vigor. "Tabaco/fumo" para os sujeitos causa doença como o cancro; além de provocar mau cheiro e ser desagradável configurando-se como um mau e associado ao pai. Resumo em espanhol El tabaquismo es un grave problema de salud pública. Este estudio tiene como objetivo entender cómo la representación social acerca de humo/tabaco y la salud son compartidas por jóvenes estudiantes universitarios a través de los efectos de las información contenidas en el paquete de cigarrillos en la salud. Este estudio exploratorio hecho con 63 estudiantes de enfermería en Lisboa, Portugal. Los datos fueron recolectados mediante la técnica de la asociación libre (mais) de palabras y analizados al software Tri-Deux Mots. Los estudiantes asociados «tabaco» como placer, sino también como el cáncer, la falta de respeto, el mal olor, algo quiere decir, la salud, la felicidad, la alegría y la autonomía y la enfermedad. "Salud" está representada por lo hospital, sino también como algo bueno, positivo y enérgico. "Tabaco/fumar" de los sujetos asociados a la enfermedades como el cáncer, además de causar mal olor desagradable y se configura como un mal en sí y asociados con padre. Resumo em inglês Smoking is a serious public health problem. This study aims at understanding how social representation about smoke/tobacco and health are shared by young university students through the impact of figures contained in cigarettes package in heath. This exploratory study was carried with 63 nursing students in Lisboa, Portugal. Data were collected by the technique of free association of words that were submitted to the software Tri-Deux Mots. Students associate "tobacco" lik (mais) e pleasure but also as cancer, disrespect, bad smell, something mean; the health, happiness, joy and self and sickness. «Health» is represented by hospital but also as something good positive and energetic. "Tobacco/smoking" for the subjects concerned disease as the cancer in addition to causing bad smell and be unpleasant configuring itself as a bad and associated with father.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

52

Tabagismo em amostra de adolescentes escolares de Salvador-Bahia/ Smoking among school adolescents in Salvador (BA)

Machado Neto, Adelmo Souza; Cruz, Álvaro A.
2003-10-01

Resumo em português INTRODUÇÃO: O hábito de fumar em geral se inicia na adolescência. No Brasil, as estimativas da freqüência deste hábito entre adolescentes variam de 1% até 35%. OBJETIVO: Estimar a prevalência do tabagismo entre os adolescentes da oitava série do ensino fundamental à terceira série do curso médio, em escolas de Salvador - Bahia, Brasil. MÉTODO: Feito um estudo do tipo corte transversal de caráter exploratório. Foram aplicados 3.500 questionários a alunos m (mais) atriculados entre a 8ª série do ensino fundamental e a 3ª série do ensino médio, em cinco escolas da região metropolitana de Salvador (BA). Análise estatística: medidas descritivas e de associação (razão de prevalência) e o teste t de Student e o do qui-quadrado. RESULTADOS: A prevalência do tabagismo entre adolescentes de Salvador (BA) foi de 9,6%, considerando-se os 3.180 questionários válidos, sendo maior no sexo masculino (14%) que no feminino (6%). À medida que aumentava a idade, elevava-se essa prevalência. A média de idade do início do tabagismo foi de 14 ± 2 anos. Dentre adolescentes, 46% experimentaram o cigarro e 20% destes continuaram fumando. Entre filhos de fumantes a freqüência foi maior. O número médio de cigarros consumidos por dia pelos adolescentes que fumavam diariamente (n = 132) foi de 7 ± 6, sendo maior no sexo masculino. CONCLUSÃO: A prevalência do tabagismo em uma amostra selecionada de adolescentes escolares de Salvador (BA) foi de 9,6%, sendo maior entre os indivíduos do sexo masculino. A experimentação e a influência dos pais foram associadas ao tabagismo nos adolescentes. Resumo em inglês BACKGROUND: Most tobacco users become addicted during adolescence. In Brazil, smoking prevalence among teenagers varies from 1% to 35%. OBJECTIVE: To estimate the prevalence of smoking among teenagers, aged from 13 to 20, in fundamental and high school in Salvador, Bahia, Brazil. METHOD: Cross-sectional exploratory study. Thirty five hundred questionnaires were applied to students at fundamental and high school in five schools at the metropolitan region of Salvador (BA). (mais) Statistical analysis: descriptive and associative measurements (Prevalence Rate), Student's t and qui-square tests. RESULTS: Smoking prevalence among teenagers in Salvador (BA) was 9.6%, considering 3,180 valid questionnaires. The frequency was higher in males (14%) than in females (6%). The prevalence increased with age. The mean age ± SD for tobacco initiation was 14 ± 2 years. Among the teenagers, 46% tried cigarettes, and 20% became addicted. The frequency was higher among teenagers whose parents were smokers. The mean ± SD number of daily cigarettes smoked by adolescent tobacco users (n = 132) was 7.4 (± 6.4) units per day, with a higher frequency among boys. CONCLUSION: Smoking prevalence in a selected set of adolescent students in Salvador (BA) was 9.6%, and it was higher among males. Parental smoking and cigarette experimentation were the major factor found to be associated to tobacco addiction among teenagers.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

53

Prevalência de tabagismo e fatores associados em área metropolitana da região Sul do Brasil/ Prevalence of smoking and associated factors in a metropolitan area of southern Brazil

Moreira, Leila B.; Fuchs, Flávio D.; Moraes, Renan S.; Bredemeir, Markus; Cardozo, Sílvia
1995-02-01

Resumo em português Com o objetivo de avaliar a prevalência de tabagismo em Porto Alegre, RS, Brasil, e os fatores associados, executou-se estudo observacional, de delineamento transversal e base populacional. Através de amostragem aleatória proporcional, por estágios múltiplos e conglomerados, selecionaram-se 1.091 indivíduos, a partir de 18 anos, que responderam a um questionário, em entrevista domiciliar. Aferiu-se o hábito de fumar através de perguntas dirigidas ao tipo de fumo, (mais) freqüência e tempo de exposição. A prevalência foi de 34,9% (IC 31,9 - 37,8), sendo de 41,5% (IC 38,5 - 44,4) entre os homens e 29,5% (IC 26,8 - 32,2) entre as mulheres. O início foi, em média, aos 16 (±5,6) e 17,8 (±6,7) anos, com moda de 15 e 14 anos, respectivamente. Os homens fumavam 19,0 ± 14,0 cigarros por dia e as mulheres 14,5 ± 10,3. Analisaram-se as associações através de regressão logística, incluindo-se no modelo sexo, idade, educação, renda, qualificação profissional e consumo de álcool. O hábito de fumar foi mais freqüente entre os homens, indivíduos de menor nível socioeconômico, dos 30 aos 39 anos, e entre os usuários de bebidas alcoólicas. Conclui-se que o tabagismo é freqüente em Porto Alegre, constituindo-se problema de saúde pública similar ao referido pela literatura. O consumo de álcool deve estar associado ao fumo por serem ambos comportamentos de risco, com determinantes comuns. Resumo em inglês A cross-sectional study was carried out for the purpose of evaluating, the prevalence of smoking and the factors associated with it in Porto Alegre, a city in southern Brazilian. Through proportional, multiple stage, random sampling, 1.091 individuals (92% of those eligible) of 18 or more years of age, were interviewed at home. Exposure to smoking was measured by a questionnaire that inquired about the type, quantity and frequency of tobacco use. The prevalence of smoking (mais) was 34.9% (Cl 31.9 - 37.8). It was higher -among men - 41.5% (Cl 38.5 - 44.4) then women - 29.5% (Cl 26.8 - 32.2). The former started smoking at mean age of 16 (± 5.6), with mode of 15 and smoked an average of 19.0 (± 14.0) cigarettes per day. Females started at a mean age of 17.8 (± 6.7), with mode of 14 years old and smoked 14.5 (± 10.3). The association of the drinking habit and demographic and socioeconomic variables with smoking was evaluated through logistic regression. The variables included in the model were sex, age, education, income, professional qualification and alcohol consumption. The prevalence of smoking was greater for men, individuals of lower sociecinomic level, between 30 and 39 years of age, and among those accustomed to consuming alcoholic beverages. In conclusion, this study demonstrated that smoking is a public health problem in Brazil as in another countries. It is associated with sex, age, education and professional qualification, as has been observed elsewhere. The association of alcohol consumption with smoking may be understood as risk behavior, both having similar determinants.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

54

Prevalência de tabagismo e fatores associados em área metropolitana da região Sul do Brasil/ Prevalence of smoking and associated factors in a metropolitan area of southern Brazil

Moreira, Leila B.; Fuchs, Flávio D.; Moraes, Renan S.; Bredemeir, Markus; Cardozo, Sílvia
1995-02-01

Resumo em português Com o objetivo de avaliar a prevalência de tabagismo em Porto Alegre, RS, Brasil, e os fatores associados, executou-se estudo observacional, de delineamento transversal e base populacional. Através de amostragem aleatória proporcional, por estágios múltiplos e conglomerados, selecionaram-se 1.091 indivíduos, a partir de 18 anos, que responderam a um questionário, em entrevista domiciliar. Aferiu-se o hábito de fumar através de perguntas dirigidas ao tipo de fumo, (mais) freqüência e tempo de exposição. A prevalência foi de 34,9% (IC 31,9 - 37,8), sendo de 41,5% (IC 38,5 - 44,4) entre os homens e 29,5% (IC 26,8 - 32,2) entre as mulheres. O início foi, em média, aos 16 (±5,6) e 17,8 (±6,7) anos, com moda de 15 e 14 anos, respectivamente. Os homens fumavam 19,0 ± 14,0 cigarros por dia e as mulheres 14,5 ± 10,3. Analisaram-se as associações através de regressão logística, incluindo-se no modelo sexo, idade, educação, renda, qualificação profissional e consumo de álcool. O hábito de fumar foi mais freqüente entre os homens, indivíduos de menor nível socioeconômico, dos 30 aos 39 anos, e entre os usuários de bebidas alcoólicas. Conclui-se que o tabagismo é freqüente em Porto Alegre, constituindo-se problema de saúde pública similar ao referido pela literatura. O consumo de álcool deve estar associado ao fumo por serem ambos comportamentos de risco, com determinantes comuns. Resumo em inglês A cross-sectional study was carried out for the purpose of evaluating, the prevalence of smoking and the factors associated with it in Porto Alegre, a city in southern Brazilian. Through proportional, multiple stage, random sampling, 1.091 individuals (92% of those eligible) of 18 or more years of age, were interviewed at home. Exposure to smoking was measured by a questionnaire that inquired about the type, quantity and frequency of tobacco use. The prevalence of smoking (mais) was 34.9% (Cl 31.9 - 37.8). It was higher -among men - 41.5% (Cl 38.5 - 44.4) then women - 29.5% (Cl 26.8 - 32.2). The former started smoking at mean age of 16 (± 5.6), with mode of 15 and smoked an average of 19.0 (± 14.0) cigarettes per day. Females started at a mean age of 17.8 (± 6.7), with mode of 14 years old and smoked 14.5 (± 10.3). The association of the drinking habit and demographic and socioeconomic variables with smoking was evaluated through logistic regression. The variables included in the model were sex, age, education, income, professional qualification and alcohol consumption. The prevalence of smoking was greater for men, individuals of lower sociecinomic level, between 30 and 39 years of age, and among those accustomed to consuming alcoholic beverages. In conclusion, this study demonstrated that smoking is a public health problem in Brazil as in another countries. It is associated with sex, age, education and professional qualification, as has been observed elsewhere. The association of alcohol consumption with smoking may be understood as risk behavior, both having similar determinants.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

55

Prevalência do tabagismo em doadores de sangue da região serrana de Santa Catarina - Brasil/ Smoking prevalence in donors from the mountain region of Santa Catarina - Brazil

Spada, Celso; Treitinger, Arício; Souza, Marli A.
2006-03-01

Resumo em português O tabagismo é um problema de saúde pouco explorado nos bancos de sangue, um dos motivos que objetivou este estudo, para tornar os dados disponíveis a outros pesquisadores, de forma a garantir a realização de novos estudos interdisciplinares sobre a situação transfusional e a qualidade do sangue doado pelo fumante, melhorando a qualidade de vida do doador. O estudo foi realizado mediante uma pesquisa de 3 mil candidatos aptos à doação de sangue no Hemocentro Regi (mais) onal de Lages. Para abordar o tabagismo foi elaborado um questionário que foi inserido na triagem clínica realizada rotineiramente com os candidatos à doação de sangue. Dos 3 mil doadores avaliados na pesquisa, 373 (12,4%) eram fumantes, sendo 66,5% do sexo masculino, 77,2% da cor branca, 57,5% com idade entre 18 a 35 anos. O grau de escolaridade foi o ensino fundamental com 42,1%. Em relação ao número de doações anteriores, 43,1% doaram pela 1ª vez, 56,9% dos doadores eram de repetição. O número de cigarros fumados entre um e cinco por dia foi 30,8% e de seis a dez/dia, 33,2%. Os valores de hematócrito e hemoglobina, comparando grupos não fumantes e fumantes, diferiram significativamente uns dos outros. A prevalência de doadores fumantes verificada neste estudo foi considerada pequena, possivelmente não interferindo na qualidade do sangue, pois o percentual que traz problemas em relação a carboxi-hemoglobina está relacionado aos grandes fumantes, sendo a minoria dos doadores estudados. Faz-se necessário conhecer o perfil do doador fumante nos bancos de sangue do País para poder levar o conhecimento e informações através de campanhas educativas e preventivas. Resumo em inglês Exposure to smoking is a public health problem not very often explored in blood banks. This study was carried out for the purpose of making these data available to other researchers in order to develop new interdisciplinary studies concerning the blood quality donated by smokers. Exposure to smoking was measured by a questionnaire applied to 3.000 individuals who donated blood in the Hemocentro Regional of Lages through a clinical selection regularly done with the candida (mais) tes. Among the 3.000 individuals 373 (12.4%) were cigarette smokers, males (66.5%), white people (77.2%), and between 18 and 35 years of age (57.5%). The educational degree was elementary school (42.1%). Considering the previous donations, 43.1% were donors for the first time, 56.9% were used to donate blood frequently. The number of cigarettes smoked daily from 1 to 5 was 30.8% and from 6 to 10, 33.2%. Haematocrit and hemoglobin values comparing smokers and non-smokers differ meaningfully. Smoking prevalence in these selected donators was considered small and did not affect the blood quality since the percentage due to problems about carboxihemoglobin is related to tobacco users who were the minority group. The profile of smoking addicted donators should be regarded in order to obtain some information through educational and preventive campaigns.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

56

Valores de referência para plumbemia em uma população urbana do Sul do Brasil/ Reference values for lead in blood in an urban population in southern Brazil

Paoliello, Monica M. B.; Gutierrez, Paulo R.; Turini, Conceição A.; Matsuo, Tiemi; Mezzaroba, Leda; Barbosa, Décio S.; Carvalho, Sandra R. Q.; Alvarenga, Aparecida L. P.; Rezende, Maria Inês; Figueiroa, Garcia A.; Leite, Viviane G. M.; Gutierrez, Amanda C.; Lobo, Bruno C. R.; Cascales, Reginaldo A.
2001-05-01

Resumo em português Objetivo. Descrever os valores de referência para chumbo em sangue em uma população urbana do Município de Londrina, Estado do Paraná, Brasil. Métodos. A população de referência foi constituída por 520 voluntários adultos avaliados de novembro de 1994 a dezembro de 1996. Os critérios de exclusão foram: exposição ocupacional ao chumbo, exposição através de hábitos, fumar mais de 10 cigarros por dia e morar perto de indústrias ou de locais que utilizam o (mais) chumbo em seus processos produtivos. Também foram excluídos indivíduos com valores de exames clínicos e laboratoriais fora da normalidade, doenças crônicas e distúrbios cardiovasculares. Os teores de chumbo em sangue foram determinados por espectrofotometria de absorção atômica com chama de ar-acetileno. O limite de detecção obtido foi 1,23 mig/dL. Após as análises de chumbo em sangue, foram determinados valor mínimo, primeiro quartil, mediana, terceiro quartil e valor máximo; média geométrica; intervalo de confiança de 95%; intervalo experimental; e valor de referência. Resultados. Os valores de referência para plumbemia variaram de 1,20 a 13,72 mig/dL. A média geométrica foi igual a 5,5 mig/dL. Conclusões. Em geral, os valores obtidos no presente estudo são mais baixos do que aqueles obtidos em outros países. Estudos adicionais deveriam enfocar a obtenção de valores de referência em outras populações brasileiras que vivem em regiões mais industrializadas. Resumo em inglês Objective. To describe the reference values for lead in blood in an urban population in the city of Londrina, in the state of Paraná, Brazil. Materials and methods. The reference population was composed of 520 adult volunteers who were assessed from November 1994 to December 1996. Exclusion criteria were: occupational exposure to lead, exposure through personal habits or practices, smoking more than 10 cigarettes per day, and living near industrial plants or other places (mais) that use lead in their production processes. Also excluded were individuals with abnormal clinical or laboratory results or with chronic diseases or cardiovascular disorders. Lead blood levels were determined using air-acetylene flame atomic absorption spectrophotometry. The detectable limit was 1.23 mug/dL. After the analyses of lead in blood, the following values were determined: minimum value, first quartile, median, third quartile, and maximum value; geometric mean; 95% confidence interval; experimental interval; and reference value. Results. The reference values for lead in blood ranged from 1.20 mug/dL to 13.72 mug/ dL. The geometric mean was 5.5 mug/dL. Conclusions. In general, the values found in this study are lower than those that have been reported for other countries. Additional data should be gathered from Brazilian populations living in more-industrialized areas.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

57

Hábito alimentar, níveis de lipídios sangüíneos e o status antioxidante de adultos jovens fumantes e não fumantes/ Food habits, blood lipid levels and antioxidant status of young adults smokers and non-smokers

Batista, Ellencristina da Silva; Sabarense, Céphora Maria; Priore, Silvia Eloiza; Rosa, Damiana Diniz; Montezano, Izabela Maria; Peluzio, Maria do Carmo Gouveia
2009-06-01

Resumo em português OBJETIVO: Avaliar o hábito alimentar, os níveis dos lipídios sangüíneos e o status antioxidante de jovens fumantes e não fumantes. MÉTODOS: Trata-se de um estudo transversal em que 68 indivíduos, de 18 a 26 anos, emparelhados por sexo e idade, foram divididos em dois grupos: fumantes (n=34) e não fumantes (n=34). Os voluntários selecionados em instituições de ensino, em Viçosa (MG) foram questionados quanto a: hábito de fumar, consumo de bebidas alcoólicas (mais) e atividade física; também foi estimada a dependência nicotínica. O hábito alimentar foi avaliado por questionário de freqüência de consumo. Quantificaram-se níveis séricos de lipídios, nível plasmático de malondialdeído, vitamina E e vitamina C. RESULTADOS: Os jovens começaram a fumar precocemente, independentemente do sexo. O hábito de fumar foi estratificado e encontrou-se 58,8% de fumantes leves e 41,2% de fumantes pesados. Os fumantes apresentaram hábitos alimentares inadequados e consumo freqüente de bebida alcoólica. De acordo com a recomendação do International Physical Activity Questionnaire 69% dos fumantes eram ativos e 27,6% eram muito ativos. Não se observou diferença significante na concentração sérica de lipídios entre fumantes e não fumantes. No grupo de fumantes mulheres, verificou-se correlação positiva entre o número de cigarros fumados por dia e os triglicerídeos séricos (r=0,824 e p=0,0001) e também entre o tempo que fumavam em anos e o nível de colesterol total (r=0,523 e p=0,031). Os fumantes apresentaram concentração inferior de vitaminas E e C (p=0,002 e p= Resumo em inglês OBJECTIVE: The objective was to evaluate the food habits, blood lipid levels and antioxidant status of young adult smokers and non smokers. METHODS: This cross-sectional study divided 68 individuals aged 18 to 26 years, matched for age and sex, into two groups: smokers (n=34) and non-smokers (n=34). The individuals, selected from schools in Viçosa (MG), were asked about smoking status, consumption of alcoholic beverages and physical activity levels. Nicotine dependence w (mais) as also estimated. The Food Frequency Questionnaire was used to assess food habits. Serum levels of lipids, malondialdehyde, vitamin E and vitamin C were measured. RESULTS: The smokers started smoking early, regardless of sex. The smokers were further stratified into two groups: light smokers (58.8%) and heavy smokers (41.2%). Smokers had inadequate food habits and consumed alcoholic beverages frequently. According to the International Physical Activity Questionnaire, 69% of the smokers were active and 27.6% were very active. There was no significant difference between the serum lipid levels of smokers and non-smokers. In women, there was a positive correlation between the number of cigarettes smoked per day and serum triglyceride levels (r=0.824, p=0.0001) and number of years smoking and total cholesterol levels (r=0.523, p=0.031). Smokers had lower vitamin E and C serum concentrations (p=0.002 and p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

58

Prevalência e características do tabagismo em jovens da Universidade de Brasília/ Prevalence and characteristics of smoking among youth attending the University of Brasília in Brazil

Andrade, Ana Paula Alves de; Bernardo, Ana Cláudia Corsini; Viegas, Carlos Alberto de Assis; Ferreira, Denise Bastos Lage; Gomes, Thais Cabral; Sales, Mariana Ramos
2006-02-01

Resumo em português OBJETIVO: Conhecer a prevalência do tabagismo e descrever o perfil e hábitos do consumo tabágico entre alunos da Universidade de Brasília. MÉTODOS: Responderam a um questionário adaptado sobre tabagismo, da Organização Mundial da Saúde, com perguntas dirigidas a fumantes, ex-fumantes e não fumantes, 1.341 alunos. Foram avaliados vinte cursos diferentes pertencentes às áreas de ciências da saúde, exatas e humanas. No momento da pesquisa, os universitários es (mais) tavam cursando o segundo semestre letivo de 2003, devidamente matriculados no período diurno. RESULTADOS: A prevalência de tabagismo foi de 14,7%. Cerca de 80,8% dos alunos não eram fumantes e 4,5% foram classificados como ex-fumantes. Da amostra total, 57,3% eram homens. Não houve diferença estatisticamente significativa (p > 0,05) na prevalência de tabagismo entre os sexos ou períodos cursados. A média de idade da população estudada foi de 21,6 ± 3,6 anos, com idade média de início do tabagismo de 17 ± 2,8 anos. Os cursos de Geologia, Comunicação e História apresentaram as maiores prevalências de fumantes com 32,9%, 26,3% e 24,4%, respectivamente. Foi observado consumo médio de 7,5 cigarros por dia. O cigarro industrializado foi citado como o tipo de tabaco mais comumente utilizado entre os universitários (72,6%). CONCLUSÃO: Esta alta prevalência assemelha-se às de outros centros universitários e demanda políticas de controle do tabagismo nos meios universitários. Resumo em inglês OBJECTIVE: To determine the prevalence of smoking and to describe the profile and smoking habits of students attending the Universidade de Brasília (University of Brasília) in Brasília, Brazil. METHODS: A total of 1341 students responded to a smoking questionnaire, adapted from the World Health Organization questionnaire, including questions directed at smokers, former smokers and nonsmokers. Twenty different courses in the areas of health, exact sciences and human sci (mais) ences were evaluated. The students included in the study were duly enrolled in day courses and were evaluated during the second semester of 2003. RESULTS: The overall prevalence of smoking was 14.7%. Approximately 80.8% of the students were nonsmokers, and 4.5% were former smokers. In the study sample, 57.3% of the students were male. No significant difference (p > 0.05) in the prevalence of smoking was observed in terms of gender or class year. The mean age of the study population was 21.6 ± 3.6 years, and the mean age at which the smoking habit was acquired was 17 ± 2.8 years. The percentage of smokers was higher in the Geology, Communication, and History courses (32.9, 26.3 and 24.4%, respectively). Mean consumption was 7.5 cigarettes per day. The majority (72.6%) of the students used commercial cigarettes rather than other types of tobacco. CONCLUSION: The high prevalence of smoking observed in the present study is similar to that reported for other universities and indicates the need for smoking control policies in university environments.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

59

Pesquisa sobre tabagismo entre médicos de Rio Grande, RS: prevalência e perfil do fumante/ Cigarette smoking survey among physicians of Rio Grande, Rio Grande do Sul: prevalence and smoker's profile

HALTY, LUÍS SUÁREZ; HÜNTTNER, MAURA DUMONT; OLIVEIRA NETTO, ISABEL DE; FENKER, THAIS; PASQUALINI, TATIANA; LEMPEK, BERENICE; SANTOS, ADRIANA; MUNIZ, ALESSANDRA
2002-04-01

Resumo em português O tabagismo é um grave problema de saúde pública. A luta antitabágica está em grande parte alicerçada nos profissionais da área da saúde, em especial, nos médicos. O médico frente à sua comunidade é um modelo de conduta e como tal deve dar o exemplo de não fumar. Objetivo: Avaliar a magnitude e distribuição do tabagismo na população médica de Rio Grande, RS, e caracterizar o perfil do fumante. Método: Os dados foram obtidos no ano de 1999, através da a (mais) plicação e análise de questionário, elaborado segundo modelo proposto pela OMS, entre 333 médicos, sendo 213 (64%) homens e 120 (36%) mulheres. A média de idade da amostra foi de 43 (± 10,5) anos, com 65,1% no grupo de 30 a 50 anos. Resultados: Constatou-se prevalência de tabagismo atual de 18,3% (15,9% fumantes regulares + 2,4% fumantes ocasionais). A prevalência de tabagismo regular quanto ao gênero foi de 17,8% entre homens e 12,5% entre mulheres, sem diferença estatisticamente significante (p > 0,05). O consumo de cigarros foi, em média, de 24,3 maços/ano, sendo maior no sexo masculino e aumentando com a idade. Verificou-se que 86,8% dos fumantes iniciaram o tabagismo antes dos 20 anos de idade, tendo por motivação, em 63,2% dos casos, a vontade própria e/ou influência dos amigos. Conclusão: Embora a prevalência tabágica entre os médicos rio-grandinos seja inferior à de outros países, ainda é inaceitável, visto que esta categoria tem papel determinante na prevenção e na luta antitabágica, justificando uma campanha contra o fumo entre eles. Resumo em inglês Smoking is a serious public health problem. The campaign against tobacco is largely supported by health professionals, especially doctors. The physician is a model for the community and therefore should give the example avoiding smoking. Objectives: This work seeks to evaluate the magnitude and the distribution of smoking habit among physicians in Rio Grande, state of Rio Grande do Sul, southern Brazil, and characterize the smoking doctor's profile. Method: Data were obta (mais) ined, in 1999, through application and analysis of a questionnaire, based on the model proposed by WHO, among 333 physicians of whom 213 (64%) were men and 120 (36%) were women. The average age of the sample was 43 (± 10.5) years with 65.1% between 30 and 50 years. Results: Smoking prevalence was 18.3% (15.9% regular smokers and 2.4% occasional smokers). Regular smoking prevalence was 17.8% among males and 12.5% among females, with no significant statistic difference (p > 0.05). The mean number of cigarettes smoked was 24.3 packets/years, being superior among men and increasing with age. It was verified that 86.8% of the smokers began smoking before 20 years of age, due to their desire or friends' influence in 63.2% of the cases. Conclusion: Although smoking prevalence among Rio Grande physicians is lower than in other countries, it is still unacceptable. Since this class has a decisive role in the prevention and fight against smoking, a specific campaign against tobacco among these professionals would greatly justify.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

60

A história da maconha no Brasil/ The history of marihuana in Brazil

Carlini, Elisaldo Araújo
2006-01-01

Resumo em português A história da maconha no Brasil tem seu início com a própria descoberta do país. A maconha é uma planta exótica, ou seja, não é natural do Brasil. Foi trazida para cá pelos escravos negros, daí a sua denominação de fumo-de-Angola. O seu uso disseminou-se rapidamente entre os negros escravos e nossos índios, que passaram a cultivá-la. Séculos mais tarde, com a popularização da planta entre intelectuais franceses e médicos ingleses do exército imperial na (mais) Índia, ela passou a ser considerada em nosso meio um excelente medicamento indicado para muitos males. A demonização da maconha no Brasil iniciou-se na década de 1920 e, na II Conferência Internacional do Ópio, em 1924, em Genebra, o delegado brasileiro Dr. Pernambuco afirmou para as delegações de 45 outros países: "a maconha é mais perigosa que o ópio". Apesar das tentativas anteriores, no século XIX e princípios do século XX, a perseguição policial aos usuários de maconha somente se fez constante e enérgica a partir da década de 1930, possivelmente como resultante da decisão da II Conferência Internacional do Ópio. O primeiro levantamento domiciliar brasileiro sobre consumo de psicotrópicos, realizado em 2001, mostrou que 6,7% da população consultada já havia experimentado maconha pelo menos uma vez na vida (lifetime use), o que significa dizer que alguns milhões de brasileiros poderiam ser acusados e condenados à prisão por tal ofensa à presente lei. No presente, um projeto de lei foi aprovado no Congresso Nacional propondo a transformação da pena de reclusão por uso/posse de drogas (inclusive maconha) em medidas administrativas. Resumo em inglês The present study describes of history of Cannabis sativa L. (marihuana) since the arrival in Brazil in the Portuguese discovers, in 1500. During the following centuries Cannabis cultivation was stimulated by the Portuguese Crown, which included sending seeds to Brazil; the medicinal use of Cannabis was also common, mostly during the second part of 19th century, being the Cigarros Índios (Cannabis cigarettes) imported from France, and advertised in Brazilian medical jour (mais) nals up to the first years of the 20th century. The repression against Cannabis use reached proportion only in the 20th century. This probably happened because the Brazilian representatives at the II International Conference on Opium and Coca/Cocaine flatly declared that in Brazil Cannabis was "more dangerous than opium". The condemnation of Cannabis in that Conference was seemingly extended up to the 1961 Single Convention of Narcotic Drugs, United Nations, in which Cannabis was considered a "particularly dangerous drug" and as such was included together with heroine in the Schedule IV of that Convention. Possibly, as a consequence the repression started seriously in the beginning of the 1930 decade; and according to the Brazilian law 6.368/1976, the recreational and medical uses of Cannabis products are prohibited. Such uses are criminal offenses and as such the users may face prison penalties. However a new law is under discussion in the Brazilian Congress. According to it the possession of a certain quantity of marihuana (and other drugs) is no longer a criminal offense and will be subject to administrative sanctions.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

61

O consumo de tabaco numa instituição universitária: Prevalência e características do fumador

Guerra, Marina Prista; Queirós, Cristina; Torres, Sandra; Vieira, Filipa; Branco, Carla; Garrett, Sofia Almeida
2008-04-01

Resumo em português O tabagismo tem-se revelado como um grande inimigo da saúde pública e concomitantemente como um dos comportamentos mais difíceis de mudar. Muitos fumadores adquirem uma dependência fisiológica da nicotina associada ao “hábito” o que pode provocar uma síndrome de abstinência difícil de ultrapassar. Os processos neurobiológicos da nicotina têm vindo a ser amplamente estudados e tornando-se parcialmente responsáveis pelas reduzidas taxas de cessação a longo p (mais) razo nos estudos publicados. Considerando o passado recente da restrição ao tabagismo em Portugal (2008) e dado que a FPCE-UP foi considerada livre de fumo dois anos antes, foram propostos os seguintes objectivos para este artigo: analisar a prevalência na referida instituição; caracterizar o fumador quanto ao número de cigarros fumados e anos de fumador através da UMA; comparar fumadores que já tiveram períodos de abstinência com outros fumadores que nunca tentaram deixar de fumar quanto ao número de cigarros e anos de fumador; e comparar ex-fumadores com fumadores que já estiveram abstinentes quanto ao tempo de abstinência conseguida e número de tentativas. Partindo da análise de conteúdo de questões abertas foram ainda delineados os seguintes objectivos de natureza qualitativa: identificar as razões que mantêm os ex-fumadores abstinentes; identificar sintomas de abstinência nos fumadores que já estiveram sem fumar; identificar os motivos que levaram os fumadores a tentar deixar de fumar em algum período das suas vidas e, por último, identificar os motivos da recaída. Os questionários foram enviados via Internet à população da instituição (alunos, docentes e funcionários), tendo-se obtido uma amostra total de 289 sujeitos respondentes. Foram encontradas taxas de prevalência de fumador mais elevadas que as referenciadas noutros estudos em Portugal (29,4%), sobretudo no que se reporta, ao género (Masculino: 44,4%; Feminino: 27,3%) e situação (docente: 30%; aluno: 28,6%). A caracterização do fumador revelou o índice da UMA de 6,9. Não foram observadas diferenças estatisticamente significativas entre os fumadores que já deixaram de fumar e os sempre fumadores quanto ao padrão de fumo. Observámos diferenças estatisticamente significativas entre ex-fumadores e fumadores que já deixaram de fumar quanto ao tempo de abstinência conseguida, mas não quanto ao número de tentativas. Constatámos que 88,5% dos ex-fumadores referenciaram sentir-se melhor por ter deixado de fumar, apontando benefícios imediatos na saúde. Um outro dado interessante referido por 50% de respondentes do mesmo grupo foi a sensação de liberdade/auto-controlo sentida por terem deixado de fumar. Entre os fumadores que já tentaram deixar de fumar 74% relataram síndrome de abstinência em mais que uma categoria, sendo as perturbações de humor (81,2%) a principal queixa, seguida de sintomas psicossomáticos (37,5%). As razões apontadas pelos fumadores para terem tentado deixar de fumar foram informação sobre os malefícios do tabaco (60%), seguindo-se os motivos de doença (28%). Entre aos motivos apontados na base da recaída salientam-se os sintomas incómodos que não passaram com o tempo (52%) e, em menor escala, o prazer (24%) e a pressão social (24%). Os resultados foram discutidos à luz das teorias actuais de intervenção na dependência tabágica. Resumo em inglês Cigarette smoking has been considered one of the great enemies to public health, as well as one of the hardest to change human behaviors. For many smokers, the association between the physiological nicotine dependence and the habit of smoking makes it harder to overcome the abstinence symptoms. It has been widely investigated the partial contribution of neurobiological processes of nicotine dependence to the reduced rates of long term smoking cessation found in longitudin (mais) al studies. Considering the smoking restriction policy that has been adopted for the last two years in the Faculty of Psychology and Sciences of Education of the University of Oporto, in Portugal (FPCE-UP) and which was implemented nationwide only recently (in 2008), the present study aimed at: analyzing the prevalence of smoking in this institution; characterizing the smokers’ sample as to the number of cigarettes smoked and duration of smoking habits through cigarette pack-years (CPY); comparing former smokers to current smokers who were abstinent for some period in the past, as to the maximum abstinence time and number of cessation attempts. The content analysis of open questions lead to the formulation of more qualitative objectives: to identify the reasons why former smokers have maintained abstinent; to identify the abstinence symptoms felt by current smokers who stopped smoking sometime in the past; to identify the smokers’ motives for smoking cessation attempts at some period in their lives; and, finally, to identify the motives for relapse. The questionnaires were administered via the Internet to the universe of students, teachers and staff of FPCE-UP. A total sample of 289 subjects was obtained. Higher prevalence of cigarette smoking (29,4%) was found, comparatively with other Portuguese studies, mainly in what concerns distribution by gender (Men: 44%; Women: 27.3%) and institutional situation (teacher: 30%; student: 28.6%). The smokers’ characterization revealed a CPY of 6.9. No significant statistical differences were found between current smokers who were abstinent for some time and smokers who were never abstinent as to the smoking patterns. Significant statistical differences were found between former smokers and current smokers who were abstinent for some time, as to the maximum abstinence time achieved, but not as to the number of cessation attempts. 88.5% of former smokers mentioned feeling better after having quit smoking, pointing out immediate health benefits. An interesting result was that 50% of the same group mentioned a sense of freedom and/or self-control after having quit smoking. Among the current smokers who have already tried quitting, 74% describe abstinence symptoms in more than one category, being mood disturbances (81.2%) and psychosomatic symptoms (37.5%) the more frequent complaints. The main motives pointed out by smokers for having tried to quit smoking were: information regarding the prejudicial effects of tobacco (60%) and illness (28%). As far of the motives for relapse are concerned, 52% pointed out the persistence of unpleasant symptoms, 24% the pleasure of smoking and 24% social pressure. Results were discussed according to current theoretical models of intervention in nicotine dependence.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

62

Desenvolvimento de estratégias de intervenção psicológica para a cessação

Rosas, Manuel; Baptista, Filipa
2002-01-01

Resumo em português O risco de doenças associado ao consumo de tabaco é actualmente um dos problemas mais importantes de saúde pública. Para além da dependência fisiológica provocada pela nicotina, o consumo de tabaco também está relacionado com variáveis psicossociais que reforçam e mantém o comportamento de fumar, tornando-o repetitivo e automático nas mais diversas situações e contextos. Da maioria dos fumadores que desejam deixar de fumar sozinhos, só 5% tem êxito. Nos � (mais) �ltimos tempos, têm-se verificado um aumento do número de estratégias, farmacológicas, de substituição e psicológicas, para fazer face a este problema. Dentro da última abordagem apresentam-se os primeiros dados de um programa de intervenção psicológica segundo o modelo proposto por E. Becoña (1993) numa perspectiva cognitivo-comportamental. O protocolo de tratamento para deixar de fumar, inserido na Consulta de Psicologia Clínica do Hospital Pedro Hispano, compreende 3 fases (avaliação, intervenção e seguimento) sendo composto por 6 sessões de intervenção individual, ou em grupo, e 4 sessões de acompanhamento. Os dados apresentados correspondem a uma amostra de 107 doentes. Dos doentes que completaram o tratamento, 43% ficou abstinente e os restantes 57% reduziram o consumo de cigarros por dia e os níveis de nicotina de forma significativa. Estes dados apontam para a eficácia deste tipo de intervenção multicomponencial, que abrange não só os aspectos fisiológicos do acto de fumar, mas também os seus aspectos comportamentais e psicossociais, pelo que se alerta para a pertinência da divulgação e expansão destes métodos de tratamento em serviços de saúde na comunidade. Resumo em inglês The risk of diseases associated to tobacco consume is nowadays one of the most important problems of public health. Beyond physiological dependence caused by nicotine, smoking is also related with psychosocial variables that reinforce and sustain the smoking act, making it repetitive and automatic in the most different contexts and situations. Most of the smokers who want to quit smoking by themselves, have only 5% of exit. Lately, it has been noticed, a diversified numbe (mais) r of intervention strategies, whether pharmacological or psychological to face this problem. On this last perspective we present the first data of a psychological intervention program that follows the model proposed by E. Becoña (1993) in a cognitive-comportamental approach. The treatment protocol follows three steps (evaluation, intervention and follow-up), being composed by 6 sessions of individual or group treatment and 4 sessions of follow-up. This treatment program was conduced by the Psychological Service in Pedro Hispano Hospital, in Matosinhos, Portugal. The preliminary data presented here correspond to a sample of 107 persons. The ones who completed the treatment, 43% were abstinent at the end of the treatment and the others 57% reduced the cigarettes consume per day and the nicotine levels in a significative way. The present data reveals the efficacy of this kind of multimodal intervention, that includes not only the physiological aspects of the smoking act, but also the behaviour and psychosocial dimensions of it. So, we consider important the spread and implementation of this kind of treatment facilities on community health services.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

63

Tabagismo e etilismo em funcionários da Universidade Estadual do Ceará/ Smoking and alcohol drinking practices among employees of Universidade Estadual do Ceará

Sabry, Maria Olganê Dantas; Sampaio, Helena Alves de Carvalho; Silva, Marcelo Gurgel Carlos da
1999-12-01

Resumo em português O presente estudo pretendeu identificar os hábitos de tabagismo e etilismo de funcionários da Universidade Estadual do Ceará, em Fortaleza. O estudo abrangeu 317 funcionários. Aplicou-se um questionário contendo dados de identificação, socioeconômicos e referentes ao tabagismo e etilismo, que foram tabulados e analisados pelo Epi-Info 6.0. O grupo entrevistado foi constituído de 157 homens e 160 mulheres, com faixa etária predominante de 30-49 anos e alta escola (mais) ridade. A renda familiar para 146 funcionários situou-se na faixa igual ou superior a 10 salários mínimos mensais. Declararam-se fumantes 83 funcionários, observando-se maior prevalência no sexo masculino (56). Em média, o consumo de cigarros foi de 12,3/dia e tal atividade era exercida havia 23,2 anos. Quanto ao etilismo, 183 indivíduos ingeriam bebida alcóolica, também encontrando-se maior prevalência nos homens. A freqüência do consumo foi principalmente em fins de semana ou raramente. A bebida mais citada foi a cerveja - 96, seguida pela aguardente de cana - 20 pessoas. O consumo médio diário de etanol foi de 29,9g. Os consumidores simultâneos de tabaco e álcool foram eminentemente do sexo masculino. A escolaridade e a renda foram maiores nas mulheres exclusivamente fumantes e a renda foi maior entre as exclusivamente etilistas. Apesar de as prevalências de tabagismo e etilismo encontradas não terem sido elevadas, ainda configuram um risco para doenças crônico-degenerativas, principalmente quanto à quantidade de etanol ingerida pelos homens, devendo haver aprofundamento do estudo em relação à associação com outras diferentes variáveis ambientais. Resumo em inglês The aim of the present study was to identify smoking and alcohol drinking practices among Universidade Estadual do Ceará employees in the city of Fortaleza. The study used 317 employees as subjects. An interview questionnaire containing personal, socioeconomic, tobacco and alcohol consumption data was applied. The tabulation and analysis were made by Epi-Info 6.0. 157 of the interviewed subjects were male and 160 were female, the most prevalent age bracket being 30-49 ye (mais) ars of age, and high level of instruction. 146 workers showed a family income starting from 10 minimal living wages per month. 83 workers were considered smokers, and a higher prevalence was detected among males (56). Mean tobacco consumption was 12.3 cigarettes a day, a practice that took place in the last 23.2 years. Alcohol was ingested by 183 employees and the prevalence was also higher among males. The consumption occurred mainly on weekends or rarely. The most ingested drink was beer - 96, followed by Brazilian white rum - 20 employees. The mean daily consumption of ethanol was 29.9 g. The ones who were both smokers and drinkers were mainly males. The instruction and income level were higher among smoking females and the income level was higher among drinking females. Although the prevalence of tobacco and alcohol consumption was low, it is a risk of chronic-degenerative diseases, specially in relation to the ethanol ingested by males. It is necessary to continue this study to provide a deeper association among the different environmental variables.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

64

Potencial antioxidativo da lágrima de adultos jovens/ Tear antioxidant potential in young adults

Gus, Patrícia Ioschpe; Belló-Klein, Adriane; Llesuy, Susana; Quinto, Guilherme Goulart; Matos, Guilherme Herrmann; Bechara, Samir Jacob
2006-08-01

Resumo em português OBJETIVO: Estudar os antioxidantes da lágrima humana, estimulada pelo corte de cebola e a possível influência dos hábitos de vida sobre estas medidas. MÉTODOS: A amostra consistiu de dez adultos jovens, que responderam questionário sobre o hábito de fumar, de ingerir bebidas alcoólicas, frutas, vegetais e cereais, de usar vitaminas e/ou drogas e de praticar exercícios. O potencial reativo antioxidante total (TRAP) foi analisado por meio da quimioluminescência do (mais) luminol, a superóxido dismutase (SOD) foi medida pela inibição do piragolol e a absorbância de H2O2 a 240 nm foi utilizada para identificar a catalase. RESULTADOS: A média ± DP dos valores de potencial reativo antioxidante total foi 33,8±11,5 µM e de superóxido dismutase foi 10,8±1,9 U/mL. Não foi identificada atividade da catalase. Detectou-se associação entre a prática regular de exercícios e aumento nos valores de potencial reativo antioxidante total (p=0,021), com diferença de 18,6 µM entre os indivíduos que se exercitavam pelo menos uma vez por semana e os sedentários. Sexo masculino e aumento na concentração de potencial reativo antioxidante total também se associaram estatisticamente (p=0,013), com diferença de 16,3 µM entre os sexos. Houve associação entre hábito tabágico e aumento na superóxido dismutase (p=0,041), com diferença de 3,3 U/mL entre fumantes de mais de cinco cigarros/dia e não fumantes. O uso de vitamina C também demonstrou associação com a superóxido dismutase (p=0,018); a diferença para os que tomavam vitamina C foi de 3,3 U/mL a mais. CONCLUSÃO: Os antioxidantes do lacrimejamento reflexo foram mensuráveis em adultos jovens, e diferentes variáveis parecem ter influenciado nos resultados. Resumo em inglês PURPOSE: To study the antioxidant status of human tears, stimulated by onion fumes and the possible influence of the life habits thereon were measured. METHODS: Subjects were ten healthy young adults, who answered a questionnaire about smoking, alcohol ingestion, fruit, vegetable, cereal, and vitamin intake and/or intake of other drugs, and physical exercise habits. Chemoluminescensce of luminol was used to analyze the total reactive antioxidant potential (TRAP), inhibiti (mais) on of piragollol was used to measure superoxide dismutase (SOD) and absorbance of H2O2 at 240 nm was used to identify catalase. RESULTS: Mean ± SD value for total reactive antioxidant potential was 33.8±11.5 µM and for superoxide dismutase 10.8±1.9 U/mL. Catalase was not identified. Regular exercise was associated with increased total reactive antioxidant potential values (p=0.021), with a difference of 18.6 µM between individuals who exercise at least once a week and sedentary individuals. Male gender and total reactive antioxidant potential values were statistically associated (p=0.013), with a difference of 16.3 µM between genders. There was an association between smoking and increased superoxide dismutase values (p=0.041), with a difference of 3.3 U/mL between smokers of more than five cigarettes/day and non-smokers. Also, vitamin C intake and superoxide dismutase values were associated (p=0.018); the difference for vitamin C takers was 3.3 U/mL. CONCLUSION: Reflex tearing antioxidants were measurable in healthy young adults, and different variables apparently influenced their values.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

65

Uso de tabaco e perfil lipídico-lipoprotéico plasmático em adolescentes/ Tobacco use and plasma lipid-lipoprotein profile in adolescents

Guedes, Dartagnan Pinto; Guedes, Joana Elisabete Ribeiro Pinto; Barbosa, Décio Sabbatini; Oliveira, Jair Aparecido de
2007-02-01

Resumo em português OBJETIVO: Analisar o impacto quanto ao uso de tabaco no perfil lipídico-lipoprotéico plasmático em amostra representativa de adolescentes. MÉTODOS: A amostra foi constituída por 452 sujeitos (246 moças e 206 rapazes) com idades entre 15 e 18 anos. Os participantes completaram questionário estruturado auto-administrado com relação ao uso de tabaco. As concentrações de lipídeos-lipoproteínas plasmáticas foram estabelecidas mediante procedimentos laboratoriais. (mais) Os procedimentos da análise de covariância, controlando a participação da ingestão de gordura saturada e de colesterol dietético, foram empregados para identificar as diferenças entre os valores médios. As estimativas de odds ratio foram utilizadas para estabelecer o risco relativo dos adolescentes fumantes apresentarem perfil lipídico-lipoprotéico de risco aterogênico. RESULTADOS: A proporção de fumantes foi de 20,9% entre os rapazes e 15,4% entre as moças. O consumo médio de cigarros por dia foi de 9,2 ± 4,7 nos rapazes e 5,6 ± 3,1 nas moças. Quando comparados com não fumantes, rapazes e moças fumantes apresentaram níveis séricos de colesterol total, LDL-colesterol, triglicerídeos e apolipoproteína B100 significativamente mais elevados, e níveis séricos de HDL-colesterol significativamente menores. Adolescentes fumantes tenderam a demonstrar risco de níveis de lipídeos-lipoproteinas plasmáticas alterados duas vezes maior que não fumantes. CONCLUSÃO: Intervenções direcionadas à adoção de um estilo de vida saudável, incluindo abstenção do uso de tabaco, deverão iniciar-se em idades precoces na tentativa de prevenir ou retardar o desenvolvimento de lesões ateroscleróticas e minimizar o aparecimento de coronariopatias prematuras na idade adulta. Resumo em inglês OBJECTIVE: To analyze the impact of tobacco use on plasma lipid lipoprotein profile in representative sample of adolescents. METHODS: A sample of 452 subjects (246 girls and 206 boys) 15 to 18 years old were included in the study. Each participant completed a structured and self-administered questionnaire concerning tobacco use. Plasma lipid-lipoprotein concentrations were measured by standard procedures. Differences between mean values were evaluated by analysis of covar (mais) iance, controlling for saturated fat and cholesterol intake. Odds ratio was used to estimate the relative risk of the smokers being classified with an undesirable level of a plasma lipidlipoprotein parameter. RESULTS: The proportion of smokers was 20.9% for boys and 15.4% for girls. The average consumption of cigarettes per day was 9.2 ± 4.7 for boys and 5.6 ± 3.1 for girls. When compared with non-smokers, boy and girl smokers showed a significantly higher serum levels of total cholesterol, LDL-cholesterol, triglycerides and apolipoprotein B100, and significantly lower serum levels of HDL-cholesterol. Adolescent smokers tended to show a two-fold higher risk of altered lipid-lipoprotein levels than non-smokers. CONCLUSION: The present data could imply that intervention promoting a healthy lifestyle, including non smoking, should start at an early age to prevent or delay development of atherosclerotic lesions and ultimately to minimize the appearance of premature coronary heart disease in adults.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

66

Teste de dependência à nicotina: validação linguística e psicométrica do teste de Fagerström/ Test for nicotine dependence: psychometric and linguistic validation of Fagerström Test

Ferreira, Pedro L.; Quintal, Carlota; Lopes, Inês; Taveira, Natélia
2009-07-01

Resumo em português O Teste de Fagerström para a Dependência da Nicotina tem uma utilização generalizada como medida da dependência tabágica. No entanto, a sua versão portuguesa nunca tinha sido sujeita a um processo de equivalência linguística e semântica nem a testes psicométricos de qualidade. Esse foi o objectivo do presente estudo. A adaptação cultural e linguística incluiu a utilização da técnica de tradução-retroversão, precedida de uma definição conceptual e seg (mais) uida de testes piloto e de uma revisão final. Para validar a versão portuguesa obtida na fase anterior, foram recolhidas amostras compostas pelos fumadores que acorreram a consultas de Medicina no Trabalho e a consultas de Pneumologia e de Desabituação Tabágica, num total de 264 fumadores. A fiabilidade teste-reteste foi garantida por valores de correlação da escala original de 0,990 e das perguntas individuais de 0,975 a 1,000. O valor de alfa de Cronbach de coerência interna foi 0,660, valor baixo em relação aos valores padrão tradicionais, mas superior ao valor encontrado pelos autores e semelhante aos encontrados em outros estudos. O teste de validade de critério obteve bons resultados ao compararem-se os valores obtidos pela escala com algumas variáveis relacionadas com o hábito tabágico e com a própria auto-avaliação da dependência tabágica. A validade de construção através de análise factorial explicou 59% da variância e detectou dois factores referentes ao consumo de cigarros e ao fumo matinal. Em conclusão, algumas dúvidas persistem em relação à continuação da utilização do Teste de Fagerström para a Dependência Tabágica. Consideramos que os profissionais e os investigadores não devem confiar apenas nos resultados desta escala e devem incluir outras perguntas sobre a adição, não pertencentes à versão original. Resumo em inglês The Fagerström Test for Nicotine Dependence has been widely used as a measure of tobacco dependence. However, its Portuguese version has never before been subjected to a validation process. This was the objective of the current study. The cultural and linguistic adaptation included the use of the forward-backward translation, after a conceptual definition followed by pilot tests and a final revision. To validate the Portuguese version obtained in the previous stage, samp (mais) les were recruited among smokers who attended occupational medicine, pneumology and tobacco dependence consultations, in a total of 264 smokers. Test-retest reliability was guaranteed by correlation scores of 0.990 for the original scale and 0.975 to 1.000 for individual questions. Internal consistency Cronbach» alpha was 0.660, a low value regarding the traditional standards, but higher than the values found by the authors and similar to the ones found in other studies. Criterion validity test obtained good results when scores from the scale were compared with some variables related to tobacco habit and to the self assessment of the tobacco dependence. Construct validity through factorial analysis explained 59% of the variance and detected two factors corresponding to the cigarettes consumption and morning smoke. In conclusion, some doubts remain regarding the utilization of the Fagerström Test for Nicotine Dependence. We consider that professionals as well as researchers should not rely only on the outputs produced by this scale and should also include questions about addiction which are not included in the original version.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

67

Tabagismo: conhecimentos, atitudes, hábitos e grau de dependência de jovens fumantes em Salvador/ Smoking: knowledge, attitudes, habits and degree of dependence of young adults in Salvador/ Tabaquismo: conocimientos, actitudes, hábitos y grado de dependencia de jóvenes fumadores en Salvador

Almeida, Aline Farias de; Mussi, Fernanda Carneiro
2006-12-01

Resumo em português O estudo objetivou avaliar o grau de dependência ao cigarro e caracterizar dados sócio-demográficos, conhecimentos, hábitos e atitudes de jovens fumantes. Responderam um questionário 102 estudantes de Salvador, sendo 11 tabagistas. A idade média dos fumantes foi 18,2 anos e de experimentação do cigarro 13,4 anos. Houve predomínio de homens, jovens no 1.º ano colegial, de cor parda e entes próximos fumantes. A maioria recebeu orientação familiar e escolar sobr (mais) e os prejuízos do fumo, mas poucos sabiam dos benefícios de parar de fumar. Quase metade fumava há mais de três anos e iniciou o hábito por curiosidade. Mais da metade fumava um cigarro por dia, com baixo teor de nicotina, comprava o cigarro em lojas, desejava parar de fumar, já fez tentativas, mas nunca parou. O grau de dependência foi baixo para a maioria dos jovens. O estudo oferece pistas para enfermeiras atuarem junto aos jovens no controle do tabagismo. Resumo em espanhol En este estudio se tuvo como objetivo evaluar el grado de dependencia al cigarro y caracterizar datos sociodemográficos, conocimientos, hábitos y actitudes de jóvenes fumadores. Respondieron un cuestionario 102 estudiantes de Salvador, de los cuales 11 eran tabaquistas. La edad media de los fumadores fue 18,2 años y de experimentación del cigarro 13,4 años. Hubo predominio de hombres, jóvenes en el 1.º año colegial, de color pardo y con personas próximas, tambi� (mais) �n, fumadoras. La mayoría recibió orientación familiar y escolar sobre los perjuicios del humo de cigarro, pero pocos sabían de los beneficios de parar de fumar. Casi la mitad fumaba desde hace más de tres años e inició el hábito por curiosidad. Más de la mitad fumaba un cigarro por dia, con bajo tenor de nicotina, compraba el cigarro en tiendas, deseaba parar de fumar, hizo intentos, pero nunca paró. El grado de dependencia fue bajo para la mayoría de los jóvenes.El estudio ofrece pistas para que las enfermeras actúen junto a los jóvenes en el control del tabaquismo. Resumo em inglês This study was aimed at evaluating the degree of smoking dependence and to characterize social demographic data, habits and attitudes of young smokers. Answered the questionnaire102 students from Salvador, State of Bahia, of which 11 were smokers. Their mean age and the age in which they first smoked were 18.2 and 13.4 years respectively. Most of them were male, in the first year of senior high school, of brown skin color and had close relatives who smoke. The majority of (mais) those young smokers had been advised about the risks of smoking at home and in school, but few had knowledge about the benefits of quitting. Almost half of them had been smoking for more than three years and had started to smoke out of curiosity. More than half of them smoked one cigarette per day, with low levels of nicotine, bought the cigarettes in shops, and wanted and tried to quit smoking, but never succeeded. The degree of dependence was low for most of them. This study offers hints for nurses to act against smoking with young adults.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

68

Mídia e drogas: análise documental da mídia escrita brasileira sobre o tema entre 1999 e 2003/ Media and drugs: a documental analysis of the Brazilian writing media between 1999 and 2003

Ronzani, Telmo Mota; Fernandes, Ameli Gabriele Batista; Gebara, Carla Ferreira de Paula; Oliveira, Samia Abreu; Scoralick, Natália Nunes; Lourenço, Lélio Moura
2009-12-01

Resumo em português Este artigo busca analisar os conteúdos que a mídia escrita brasileira apresenta sobre drogas. Foram pesquisados artigos sobre drogas em uma revista de circulação nacional, entre 1999 e 2003, através de análise de conteúdo. Foram encontrados 481 artigos. A subcategoria "consumo" foi a mais abordada, sendo as drogas mais citadas: cocaína (21%), maconha (19%), álcool (12%) e cigarro (12%). Quanto à categoria "saúde", o cigarro apresentou 57% dos artigos relaciona (mais) dos aos "malefícios do uso", enquanto o álcool foi caracterizado pela ambivalência (ocorrências iguais para benefícios e malefícios) e associado à dependência (23%); no tocante à cocaína, mais ocorrências relacionaram-se ao tráfico (30%). De modo geral, a cocaína e a maconha receberam destaque da mídia, enquanto o álcool e solventes tiveram pouco destaque em comparação aos dados epidemiológicos de uso. Percebe-se que existe uma incompatibilidade entre o enfoque da mídia e o consumo de drogas no Brasil, fato que pode influenciar as crenças das pessoas sobre determinadas substâncias e as políticas públicas sobre drogas no Brasil. Resumo em inglês This paper aims to analyze the kind of information published by the Brazilian "written media" about drugs. It was examined articles about drugs in a national circulation magazine between 1999 and 2003, through an analysis of content. A total of 481 articles were found. "Consumption" was the most appeared topic. The most quoted drugs were: cocaine (21%), marijuana (19%), alcoholic beverages (12%) and cigarettes (12%). This research also showed that 57% of the articles were (mais) related to cigarettes, its harmful effects, whereas alcohol had the same amount of articles showing it as a good or a bad substance for the human being and considered the most addictive drug (23%). On the other hand, cocaine was related to drug dealing (30%). In general, cocaine and marijuana were in focus in the media while alcohol and solvents had less prominence considering the epidemiologic data of use. We can notice that there is an incompatibility between the media focus and the profile of drug consumption in Brazil, that could influence the person's beliefs about certain substances and public politics about drugs in Brazil.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

69

Mídia e drogas: análise documental da mídia escrita brasileira sobre o tema entre 1999 e 2003/ Media and drugs: a documental analysis of the Brazilian writing media between 1999 and 2003

Ronzani, Telmo Mota; Fernandes, Ameli Gabriele Batista; Gebara, Carla Ferreira de Paula; Oliveira, Samia Abreu; Scoralick, Natália Nunes; Lourenço, Lélio Moura
2009-12-01

Resumo em português Este artigo busca analisar os conteúdos que a mídia escrita brasileira apresenta sobre drogas. Foram pesquisados artigos sobre drogas em uma revista de circulação nacional, entre 1999 e 2003, através de análise de conteúdo. Foram encontrados 481 artigos. A subcategoria "consumo" foi a mais abordada, sendo as drogas mais citadas: cocaína (21%), maconha (19%), álcool (12%) e cigarro (12%). Quanto à categoria "saúde", o cigarro apresentou 57% dos artigos relaciona (mais) dos aos "malefícios do uso", enquanto o álcool foi caracterizado pela ambivalência (ocorrências iguais para benefícios e malefícios) e associado à dependência (23%); no tocante à cocaína, mais ocorrências relacionaram-se ao tráfico (30%). De modo geral, a cocaína e a maconha receberam destaque da mídia, enquanto o álcool e solventes tiveram pouco destaque em comparação aos dados epidemiológicos de uso. Percebe-se que existe uma incompatibilidade entre o enfoque da mídia e o consumo de drogas no Brasil, fato que pode influenciar as crenças das pessoas sobre determinadas substâncias e as políticas públicas sobre drogas no Brasil. Resumo em inglês This paper aims to analyze the kind of information published by the Brazilian "written media" about drugs. It was examined articles about drugs in a national circulation magazine between 1999 and 2003, through an analysis of content. A total of 481 articles were found. "Consumption" was the most appeared topic. The most quoted drugs were: cocaine (21%), marijuana (19%), alcoholic beverages (12%) and cigarettes (12%). This research also showed that 57% of the articles were (mais) related to cigarettes, its harmful effects, whereas alcohol had the same amount of articles showing it as a good or a bad substance for the human being and considered the most addictive drug (23%). On the other hand, cocaine was related to drug dealing (30%). In general, cocaine and marijuana were in focus in the media while alcohol and solvents had less prominence considering the epidemiologic data of use. We can notice that there is an incompatibility between the media focus and the profile of drug consumption in Brazil, that could influence the person's beliefs about certain substances and public politics about drugs in Brazil.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

70

Sentidos sobre o hábito de fumar para mulheres participantes de grupo de tabagistas/ Significados acerca del fumar para las mujeres participantes en un grupo de fumadores/ Meanings about smoking for women participant in a group for smokers

Eckerdt, Neusa da Silva; Corradi-Webster, Clarissa Mendonça
2010-06-01

Resumo em português O objetivo deste estudo foi conhecer sentidos produzidos sobre o tabagismo por mulheres participantes de um grupo para tabagistas em Florianópolis, SC, Brasil. O grupo foi composto por sete participantes. Utilizou-se a entrevista estruturada, com cinco questões abertas. O referencial teórico foi construcionismo social. Como conclusão, encontrou-se dois eixos temáticos: 1) cigarro no ciclo vital da mulher 2) expectativas em relação ao tratamento. Os repertórios uti (mais) lizados para descrever o início do consumo na adolescência incluíram glamour, charme, independência e aceitação pelos pares, enquanto aqueles utilizados para descrever a manutenção do consumo na idade adulta incluíram ansiedade, depressão e recurso para lidar com o estresse diário. Quanto às expectativas em relação ao tratamento, acreditam que o contato com pessoas que vivenciam as mesmas dificuldades, em relação à interrupção do consumo e sonhos de uma vida saudável, seria motivador. O tratamento oferecido para tabagistas deve explorar estratégias para que as mulheres alcancem o que desejam com o consumo de cigarro. Resumo em espanhol El objetivo de este estudio fue conocer el significado, sobre el fumar, declarado por mujeres que participaban en un grupo de fumadores en Florianópolis, estado de Santa Catarina, Brasil. Participaron siete fumadores. Se utilizó entrevistas estructuradas con cinco preguntas abiertas. El marco teórico fue el construccionismo social. Dos temas fueran detectados: 1) Los cigarrillos en el ciclo de vida de la mujer 2) Expectativas en relación al tratamiento. Los repertorio (mais) s utilizados para describir el inicio del consumo, en la adolescencia, incluyen: glamour, encanto, independencia y el ser aceptado entre iguales; y los utilizados para describir el mantenimiento del consumo en la edad adulta incluyen: ansiedad, depresión y el uso como recurso para lidiar con el estrés diario. En cuanto a las expectativas para el tratamiento, creen que ayudaría el contacto con personas que experimentan las mismas dificultades en relación con la interrupción del consumo; también que los sueños de una vida saludable sería motivador. El tratamiento ofrecido a fumadores debería explorar estrategias para las mujeres que quieren abandonar el consumo de cigarrillos. Resumo em inglês The aim of this study was to understand the meanings produced about smoking by women participating in a group for smokers in Florianopolis, SC, Brazil. Seven participants took part in structured interviews with five open questions. The theoretical framework was social constructionism with two themes: 1) Cigarettes in the women’s life cycle 2) Expectations regarding treatment. The repertories used to describe the beginning of consumption in adolescence included glamour, c (mais) harm, independence and peer acceptance and those used to describe the maintenance of consumption in adulthood included anxiety, depression and coping with daily stress. Regarding expectations for treatment they believed that contact with people who experience the same difficulties in relation to the cessation of consumption and the dream of a healthy life would be motivating. The treatment offered to smokers should explore strategies for women to achieve what they want regarding the consumption of cigarettes.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

71

Comportamentos de risco e vulnerabilidade entre estudantes de Educação Física/ Risk behavior and vulnerability among Physical Education students

Palma, Alexandre; Abreu, Raquel Azeredo; Cunha, Cristina de Almeida
2007-03-01

Resumo em português O objetivo do presente estudo foi identificar a prevalência de comportamentos associados à ocorrência de doenças ou agravos à saúde em alunos de Educação Física. Para tanto, adotou-se uma pesquisa de levantamento (survey) com 448 estudantes de ambos os sexos. O instrumento envolveu questões sobre prática de exercícios físicos, uso de preservativos, uso de drogas e horas de sono. Os principais resultados foram: a) a taxa de indivíduos que não praticam exerc� (mais) �cios regularmente é baixa quando comparada às taxas da população em geral; b) o valor médio para o esforço físico no trabalho é caracterizado como "um pouco intenso" na escala de Borg; c) do total de informantes que trabalhavam, 39,4% relataram dores associadas à ocupação profissional; d) 58,7% informaram não fazer uso regular de preservativos na relação sexual; e) o álcool é a droga mais utilizada e há um grande uso de cigarro e maconha; e f) 19,2% dos estudantes fazem ou já fizeram uso de anabolizantes na vida. Conclui-se, então, que um número importante de alunos de educação física, a despeito do discurso vigente na área, que reforça a importância de um estilo de vida considerado saudável, adota comportamentos que não necessariamente se coadunam com esta idéia. Resumo em inglês The aim of this study was to identify health-related behaviors of Physical Education students. Therefore, we surveyed 448 students of both genders. The instrument had questions about the practice of regular exercise, the use of condoms during sexual intercourse, the use of both legal and illegal drugs, stress on the job, and hours of sleep. The main results are as follows: (a) The rate of physical inactivity is low in comparison with the general rates in the population; ( (mais) b) The average values of physical exertion is classified as "somewhat intense" on the Borg scale; (c) 39.4% of the participants reported job-related pain; (d) 58.7% did not use condoms during sexual intercourse regularly; (e) Alcohol was the most frequently consumed drug; cigarettes and marijuana are also commonly used; and (f) 19.2 % of respondents admitted using or having already used anabolic steroids. One concludes, then, that physical education undergraduates, although they are students of a health-related area, adopt behaviors that do not necessarily suit a healthy lifestyle.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

72

Comportamentos de risco e vulnerabilidade entre estudantes de Educação Física/ Risk behavior and vulnerability among Physical Education students

Palma, Alexandre; Abreu, Raquel Azeredo; Cunha, Cristina de Almeida
2007-03-01

Resumo em português O objetivo do presente estudo foi identificar a prevalência de comportamentos associados à ocorrência de doenças ou agravos à saúde em alunos de Educação Física. Para tanto, adotou-se uma pesquisa de levantamento (survey) com 448 estudantes de ambos os sexos. O instrumento envolveu questões sobre prática de exercícios físicos, uso de preservativos, uso de drogas e horas de sono. Os principais resultados foram: a) a taxa de indivíduos que não praticam exerc� (mais) �cios regularmente é baixa quando comparada às taxas da população em geral; b) o valor médio para o esforço físico no trabalho é caracterizado como "um pouco intenso" na escala de Borg; c) do total de informantes que trabalhavam, 39,4% relataram dores associadas à ocupação profissional; d) 58,7% informaram não fazer uso regular de preservativos na relação sexual; e) o álcool é a droga mais utilizada e há um grande uso de cigarro e maconha; e f) 19,2% dos estudantes fazem ou já fizeram uso de anabolizantes na vida. Conclui-se, então, que um número importante de alunos de educação física, a despeito do discurso vigente na área, que reforça a importância de um estilo de vida considerado saudável, adota comportamentos que não necessariamente se coadunam com esta idéia. Resumo em inglês The aim of this study was to identify health-related behaviors of Physical Education students. Therefore, we surveyed 448 students of both genders. The instrument had questions about the practice of regular exercise, the use of condoms during sexual intercourse, the use of both legal and illegal drugs, stress on the job, and hours of sleep. The main results are as follows: (a) The rate of physical inactivity is low in comparison with the general rates in the population; ( (mais) b) The average values of physical exertion is classified as "somewhat intense" on the Borg scale; (c) 39.4% of the participants reported job-related pain; (d) 58.7% did not use condoms during sexual intercourse regularly; (e) Alcohol was the most frequently consumed drug; cigarettes and marijuana are also commonly used; and (f) 19.2 % of respondents admitted using or having already used anabolic steroids. One concludes, then, that physical education undergraduates, although they are students of a health-related area, adopt behaviors that do not necessarily suit a healthy lifestyle.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

73

Uso de álcool e drogas e sua influência sobre as práticas sexuais de adolescentes de Minas Gerais, Brasil/ Alcohol and illicit drug use and its influence on the sexual behavior of teenagers from Minas Gerais State, Brazil

Bertoni, Neilane; Bastos, Francisco I.; Mello, Maeve Brito de; Makuch, Maria Yolanda; Sousa, Maria Helena de; Osis, Maria José; Faúndes, Anibal
2009-06-01

Resumo em português Os achados provêm de um estudo transversal de 5.981 estudantes de escolas públicas de Minas Gerais, Brasil. Avaliou-se a influência do uso de drogas sobre as práticas sexuais. Dos rapazes com relacionamento casual que referiram ter utilizado drogas ilícitas, 55,7% disseram usar preservativos de forma consistente (em todas as relações sexuais), enquanto entre os que nunca fizeram uso de tais substâncias, esse percentual foi de 65,4%. Entre os rapazes com relacionam (mais) ento fixo, que utilizaram droga ilícita, o uso consistente de preservativos foi referido por 42,7%, ao passo que, para os que nunca fizeram uso dessas substâncias, esse percentual foi de 64,1%. No subgrupo dos rapazes com parceria fixa que nunca utilizaram drogas ilícitas, o uso consistente do preservativo foi menos freqüente entre os que utilizaram cigarro e/ou álcool do que entre os que não referiram este uso (60,7% vs. 71,1%). As moças apresentaram menor proporção de uso consistente do preservativo do que os rapazes, independentemente do tipo de parceria, sem influência aparente dos padrões de consumo. Os achados sugerem a necessidade de integrar a prevenção do uso de drogas à de infecções sexualmente transmissíveis/gravidez indesejada. Resumo em inglês This article summarizes the findings of a survey including 5,981 students from public schools in Minas Gerais State, Brazil. The analysis assessed the influence of drug use on sexual practices. Among the boys engaged in relationships with casual partners who stated having used illicit drugs, 55.7% reported consistent condom use, as compared to 65.4% among those not reporting such habits. Among boys engaged in relationships with stable partners who reported illicit drug us (mais) e, consistent condom use was reported by 42.7%, versus 64.1% among those not reporting such habits. In the subgroup of boys engaged in stable relationships who did not report illicit drug use, consistent condom use was less frequent among those that used alcohol/cigarettes, compared to those who did not drink or smoke (60.7% vs. 71.1%). Girls were less likely than boys to use condoms consistently, regardless of the nature of their relationships, without a noticeable influence of drug use. Policies to prevent drug abuse, sexually transmitted diseases, and unplanned pregnancy should be fully integrated.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

74

Uso de álcool e drogas e sua influência sobre as práticas sexuais de adolescentes de Minas Gerais, Brasil/ Alcohol and illicit drug use and its influence on the sexual behavior of teenagers from Minas Gerais State, Brazil

Bertoni, Neilane; Bastos, Francisco I.; Mello, Maeve Brito de; Makuch, Maria Yolanda; Sousa, Maria Helena de; Osis, Maria José; Faúndes, Anibal
2009-06-01

Resumo em português Os achados provêm de um estudo transversal de 5.981 estudantes de escolas públicas de Minas Gerais, Brasil. Avaliou-se a influência do uso de drogas sobre as práticas sexuais. Dos rapazes com relacionamento casual que referiram ter utilizado drogas ilícitas, 55,7% disseram usar preservativos de forma consistente (em todas as relações sexuais), enquanto entre os que nunca fizeram uso de tais substâncias, esse percentual foi de 65,4%. Entre os rapazes com relacionam (mais) ento fixo, que utilizaram droga ilícita, o uso consistente de preservativos foi referido por 42,7%, ao passo que, para os que nunca fizeram uso dessas substâncias, esse percentual foi de 64,1%. No subgrupo dos rapazes com parceria fixa que nunca utilizaram drogas ilícitas, o uso consistente do preservativo foi menos freqüente entre os que utilizaram cigarro e/ou álcool do que entre os que não referiram este uso (60,7% vs. 71,1%). As moças apresentaram menor proporção de uso consistente do preservativo do que os rapazes, independentemente do tipo de parceria, sem influência aparente dos padrões de consumo. Os achados sugerem a necessidade de integrar a prevenção do uso de drogas à de infecções sexualmente transmissíveis/gravidez indesejada. Resumo em inglês This article summarizes the findings of a survey including 5,981 students from public schools in Minas Gerais State, Brazil. The analysis assessed the influence of drug use on sexual practices. Among the boys engaged in relationships with casual partners who stated having used illicit drugs, 55.7% reported consistent condom use, as compared to 65.4% among those not reporting such habits. Among boys engaged in relationships with stable partners who reported illicit drug us (mais) e, consistent condom use was reported by 42.7%, versus 64.1% among those not reporting such habits. In the subgroup of boys engaged in stable relationships who did not report illicit drug use, consistent condom use was less frequent among those that used alcohol/cigarettes, compared to those who did not drink or smoke (60.7% vs. 71.1%). Girls were less likely than boys to use condoms consistently, regardless of the nature of their relationships, without a noticeable influence of drug use. Policies to prevent drug abuse, sexually transmitted diseases, and unplanned pregnancy should be fully integrated.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

75

Influência do tabagismo na fertilidade, gestação e lactação/ The influence of smoking on fertility, pregnancy and lactation

Mello, Paulo Roberto Bezerra de; Pinto, Gilberto Rodrigues; Botelho, Clovis
2001-08-01

Resumo em português OBJETIVOS: descrever a influência do tabagismo nas diferentes fases do processo reprodutivo, fecundação, gestação e lactação, destacando os mecanismos de ação dos principais componentes tóxicos do cigarro nestas fases. Sugerir medidas profiláticas de controle ambiental e de como reduzir a exposição da criança à fumaça do tabaco. MÉTODOS: revisão bibliográfica não sistemática sobre os temas abordados, utilizando-se da base de dados do MEDLINE. RESULTAD (mais) OS: o tabagismo atua negativamente nas diferentes fases da reprodução, por ação direta de seus principais componentes tóxicos, a nicotina e o monóxido de carbono. Reduz a taxa de fertilidade, compromete a duração da gestação e o peso do concepto. Também diminui a produção de leite da nutriz fumante e o tempo de lactação, comprometendo o ganho de peso da prole, por mecanismos ainda não bem compreendidos, nos quais a prolactina pode estar envolvida. CONCLUSÕES: os efeitos do tabagismo comprometem a qualidade da função reprodutiva em diferentes fases, por atuar principalmente sobre o desenvolvimento do concepto, tanto na fase intra quanto na fase extra-uterino. Por ser um período de contato mais freqüente da mulher fumante com o profissional de saúde, a gestação e a lactação deveriam ser alvo especial de campanhas antitabágicas. Resumo em inglês OBJECTIVE: to decribe the influence of smoking on different phases of the reproductive process, fecundation, pregnancy and lactation, drawing special attention to the mechanisms of action of the main toxic components found in cigarettes. To suggest prophylactic measures for environmental control and how to reduce children's exposure to tobacco smoke. METHODS: nonsystematic literature review using MEDLINE database. RESULTS: smoking has a negative effect on different phases (mais) of the reproduction process, by direct action of main toxic components, nicotine and carbon monoxide. Smoking reduces fertility, compromises the length of gestation and infant birthweight. Smoking mothers also have reduced breast milk production and shorter lactation, which affects infant weight gain through unclear mechanisms in which prolactin may probably be involved. CONCLUSIONS: smoking compromises reproductive function quality in different phases, acting mainly on intrauterine and extrauterine development of infants. Since during pregnancy and lactation women are in closer contact with health professionals, antismoking campaigns should be especially addressed to this period.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

76

Prevalência e fatores associados ao tabagismo em estudantes de medicina de uma universidade em Passo Fundo (RS)/ Prevalence of and variables related to smoking among medical students at a university in the city of Passo Fundo, Brazil

Stramari, Leandro Mazzoleni; Kurtz, Munique; Silva, Luiz Carlos Corrêa da
2009-05-01

Resumo em português OBJETIVO: Verificar a prevalência e fatores associados ao tabagismo entre os acadêmicos de medicina e avaliar o perfil desse grupo. MÉTODOS: Responderam a um questionário autoaplicável, contendo perguntas sobre consumo e atitudes relacionadas ao tabagismo, 316 acadêmicos de medicina (98,7% do total) da Universidade de Passo Fundo. Segundo recomendações da Organização Mundial da Saúde, os estudantes foram classificados em fumantes diários, fumantes ocasionais, (mais) ex-fumantes ou não-fumantes, sendo considerados fumantes ativos os nas duas primeiras categorias. RESULTADOS: Observou-se que 16,5% dos acadêmicos eram fumantes ativos (5,4% diários e 11,1% ocasionais) e 3,5% eram ex-fumantes. A média de idade foi 22,2 ± 2,4 anos. Os fatores significativamente associados ao tabagismo (p Resumo em inglês OBJECTIVE:To determine the prevalence of and factors associated with smoking among medical students, as well as to evaluate the profile of this group. METHODS: A total of 316 medical students (98.7% of the total) at the University of Passo Fundo, in the city of Passo Fundo, Brazil, completed a self-report questionnaire with questions on tobacco intake and on attitudes related to smoking. In accordance with the World Health Organization guidelines, the students were classi (mais) fied as daily smokers, occasional smokers, former smokers or nonsmokers, those in the two first categories being considered active smokers. RESULTS: We found that 16.5% of the students were active smokers (daily smokers, 5.4%; occasional smokers, 11.1%) and that 3.5% were former smokers. The mean age was 22.2 ± 2.4 years. Factors significantly associated with the smoking habit (p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

77

Intervenção nos hábitos de vida em instituição pública/ Life-habit intervention in a public institution

Scherr, Carlos; Cunha, Ademir Batista da; Magalhães, Chyntia Karla; Abitibol, Rafael Aron; Barros, Marcelo; Cordovil, Ivan
2010-06-01

Resumo em português FUNDAMENTO: A doença coronariana é a maior causa mortis mundial, segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS), e a segunda no Brasil. Morte súbita ocorre de 4 a 6 vezes mais nos que já sofreram um infarto agudo do miocárdio (IAM); em 6 anos, 18% dos homens e 35% das mulheres terão novo IAM. A prevenção secundária, cuja eficácia já foi demonstrada, é de fundamental importância. OBJETIVO: Testar a efetividade de um programa multiprofissional que visa a modif (mais) icar fatores de risco para aterosclerose no sistema público. MÉTODOS: Dos 2.337 coronariopatas em tratamento ambulatorial, 513 com estudo coronariográfico concordaram em participar deste estudo, que utilizou como arma terapêutica palestras de como e por que controlar os fatores de risco. Análise estatística: variação significativa pré e pós-intervenção; teste t de Student emparelhado ou o teste de Wilcoxon; existência de diferença significativa entre dois grupos; teste t de Student para amostras independentes ou o teste de Mann-Whitney. Comparação entre três grupos: análise de variância (ANOVA) ou Kruskal-Wallis. RESULTADOS: Colesterol, LDL, triglicérides, índice de massa corpórea, índices de Castelli I e II e medida da cintura apresentaram diminuição significativa, mesmo nos pacientes sem hipolipemiante. Na avaliação do impacto em relação à dieta, verificou-se que 72% dos que não faziam dieta passaram a fazê-la. Atividade física: dos 55% sedentários, 71% passaram a exercitar-se três ou mais vezes/semana. Tabagismo: dos fumantes, 60% (9% do total) interromperam este hábito e 32% o diminuíram. CONCLUSÃO: Esses resultados demonstram a eficácia de programas para melhorar hábitos de vida, aplicados em unidades do sistema público de saúde. Resumo em inglês BACKGROUND: Coronary disease is the major worldwide cause of death, according to the World Health Organization (WHO) and the second in Brazil. Sudden death occurs 4 to 6 times more frequently in those who have suffered an acute myocardial infarction (AMI); within 6 years, 18% of the men and 35% of the women will have a new AMI. The secondary prevention, of which effectiveness has been previously demonstrated, is of utmost importance. OBJECTIVE: To test the effectiveness o (mais) f a multiprofessional program that aims at modifying risk factors for atherosclerosis in the public health system. METHODS: Of the 2,337 patients with coronary artery disease undergoing outpatient treatment, 513 with a coronary angiography study agreed to participate in the present study, which used lectures on how and why to control risk factors as therapeutic tool. Statistical analysis: significant variation pre and post-intervention; paired Student's t test or Wilcoxon's test ; existence of a significant difference between the two groups; Student's t test for independent samples or Mann-Whitney test. Comparison among three groups: analysis of variance (ANOVA) or Kruskal-Wallis. RESULTS: Cholesterol, LDL, triglycerides, body mass index, Castelli indexes I and II and waist circumference showed a significant decrease, even in patients without hypolipemiant treatment. The assessment of the diet impact showed that 72% of the patients that did not follow a diet, started to do so. Physical activity: of the 55% sedentary patients, 71% started to exercise three or more times a week. Smoking: of the smokers, 60% (9% of the total) stopped smoking and 32% decreased the number of cigarettes. CONCLUSION: These results demonstrated the effectiveness of the programs to improve life habits when applied to the units of the public health system. (Arq Bras Cardiol. 2010; [online]. ahead print, PP.0-0)

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

78

Emprego da determinação de monóxido de carbono no ar exalado para a detecção do consumo de tabaco/ Use of breath carbon monoxide as an indicator of smoking status

SANTOS, UBIRATAN P.; GANNAM, SILMAR; ABE, JULIE M.; ESTEVES, PATRICIA B.; FREITAS FILHO, MARCO; WAKASSA, THAIS B.; ISSA, JAQUELINE S.; TERRA-FILHO, MARIO; STELMACH, RAFAEL; CUKIER, ALBERTO
2001-09-01

Resumo em português Introdução: O tabagismo é o principal fator de risco prevenível de morbidade e mortalidade em países desenvolvidos e está em ascensão nos países em desenvolvimento. Apesar deste fato, e do maior conhecimento sobre seus efeitos, a prevalência de tabagistas continua elevada. Com o objetivo de comparar o valor de monóxido de carbono no ar exalado (COex) entre indivíduos fumantes e não fumantes, avaliar fatores que influenciam estes valores entre os que fumam e ta (mais) mbém avaliar a possível influência do tabagismo passivo, foram medidos níveis de COex em funcionários e pacientes do Instituto do Coração HC-FMUSP. Materiais e métodos: Este estudo transversal incluiu 256 voluntários que responderam a um questionário e foram submetidos à mensuração de COex em aparelho micromedidor de CO. Resultados: Dos entrevistados, 106 eram do sexo masculino e 150 do feminino e a idade média foi de 43,4 anos (Vmin-max: 15-83). 107 informaram ser tabagistas, 118 não fumantes e 31 fumantes passivos. A média de COex dos fumantes foi de 14,01ppm (Vmin-max: 1-44), dos fumantes passivos 2,03ppm (Vmin-max: 0-5) e, dos não fumantes, 2,50ppm (Vmin-max: 0-9). Houve diferença estatisticamente significante ente o grupo de fumantes e os demais (p Resumo em inglês Introduction: Smoking is the major preventable risk of morbidity and mortality. However, its prevalence is high in developed countries and increasing in developing countries, even though its effects are now better known. The purpose of this study was to compare the exhaled carbon monoxide concentration (exCO) between smokers and nonsmokers, evaluate the factors that influence this parameter among smokers and the potential influence of passive smoking by measuring exCO in (mais) workers and patients of Instituto do Coração HC-FMUSP. Materials and methods: This cross study included 256 volunteers who responded to a questionnaire and were submitted to exCO measuring with the MicroCo meter device. Results: There were 106 males and 150 females. Mean age was 43.4 years (Vmin-max: 15-83). There were 107 smokers, 118 nonsmokers and 31 passive smokers. Mean exCO was 14.01 ppm (Vmin-max: 1-44) among smokers, 2.03 ppm (Vmin-max: 0-5) among passive smokers and 2.50 ppm (Vmin-max: 0-9) among nonsmokers. Significant statistical difference was observed between smokers and the other groups (p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

79

Comportamentos de risco para a saúde entre adolescentes em conflito com a lei/ Health risk behavior among young offenders

Sena, Cláudia Alves de; Colares, Viviane
2008-10-01

Resumo em português O objetivo deste estudo foi investigar as condutas de saúde entre adolescentes em conflito com a lei, internos em instituição de atendimento sócio-educativo em município da região metropolitana do Recife, Pernambuco, Brasil. A amostra foi composta por 241 jovens do sexo masculino, de 12 a 18 anos de idade. Para a coleta de dados, utilizou-se uma versão reduzida do questionário de autopreenchimento utilizado pelo Centers for Disease Control and Prevention dos Estad (mais) os Unidos, traduzido e adaptado para jovens brasileiros. Entre os jovens pesquisados, 79,7% afirmaram ter portado arma, assim como 52,7% estiveram envolvidos em briga com agressão física nos últimos 12 meses. Verificou-se que a maioria dos jovens pesquisados era usuário de tabaco (87,6%) e álcool (64,7%). Grande parte dos jovens afirmou já ter experimentado algum produto inalante na vida (68,9%) e ter feito uso de maconha (81,3%). A maioria dos jovens (95,4%) já tinha tido relação sexual, em geral com mais de um parceiro. Os jovens em situação de conflito com a lei apresentaram vários comportamentos de risco à saúde em percentuais elevados. Resumo em inglês The objective of this study was to investigate health risk behavior among teenage offenders committed to a social-educational institution in a city in Greater Metropolitan Recife, Pernambuco State, Brazil. The sample included 241 males 12-18 years of age. Data were collected with a brief self-completed questionnaire used by the Centers for Disease Control and Prevention, translated and adapted for young Brazilians. 79.7% of subjects reported having carried a gun and 52.7% (mais) had been in fights involving physical aggression in the previous 12 months. Most of the young offenders smoked cigarettes (87.6%) and consumed alcohol (64.7%). The majority reported having sniffed inhalants (68.9%), and 81.3% had smoked marijuana. The vast majority (95.4%) reported being sexually initiated, most having had sex with more than one partner. Young offenders showed high rates of various health risk behaviors.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

80

Comportamentos de risco para a saúde entre adolescentes em conflito com a lei/ Health risk behavior among young offenders

Sena, Cláudia Alves de; Colares, Viviane
2008-10-01

Resumo em português O objetivo deste estudo foi investigar as condutas de saúde entre adolescentes em conflito com a lei, internos em instituição de atendimento sócio-educativo em município da região metropolitana do Recife, Pernambuco, Brasil. A amostra foi composta por 241 jovens do sexo masculino, de 12 a 18 anos de idade. Para a coleta de dados, utilizou-se uma versão reduzida do questionário de autopreenchimento utilizado pelo Centers for Disease Control and Prevention dos Estad (mais) os Unidos, traduzido e adaptado para jovens brasileiros. Entre os jovens pesquisados, 79,7% afirmaram ter portado arma, assim como 52,7% estiveram envolvidos em briga com agressão física nos últimos 12 meses. Verificou-se que a maioria dos jovens pesquisados era usuário de tabaco (87,6%) e álcool (64,7%). Grande parte dos jovens afirmou já ter experimentado algum produto inalante na vida (68,9%) e ter feito uso de maconha (81,3%). A maioria dos jovens (95,4%) já tinha tido relação sexual, em geral com mais de um parceiro. Os jovens em situação de conflito com a lei apresentaram vários comportamentos de risco à saúde em percentuais elevados. Resumo em inglês The objective of this study was to investigate health risk behavior among teenage offenders committed to a social-educational institution in a city in Greater Metropolitan Recife, Pernambuco State, Brazil. The sample included 241 males 12-18 years of age. Data were collected with a brief self-completed questionnaire used by the Centers for Disease Control and Prevention, translated and adapted for young Brazilians. 79.7% of subjects reported having carried a gun and 52.7% (mais) had been in fights involving physical aggression in the previous 12 months. Most of the young offenders smoked cigarettes (87.6%) and consumed alcohol (64.7%). The majority reported having sniffed inhalants (68.9%), and 81.3% had smoked marijuana. The vast majority (95.4%) reported being sexually initiated, most having had sex with more than one partner. Young offenders showed high rates of various health risk behaviors.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

81

Berbagai Upaya Penanggulangan Perilaku Merokok di Indonesia

Rochadi, R. Kintoko

It was estimated that tobacco plants in Indonesia were carried by Portuguese and Spanish in the 16th of century. Until now, around 4000 brands of cigarettes have been circulated throughout Indonesia where among 3500 brands are kretek cigarettes.Indonesian Government produced Peraturan Pemerintah No...

DRIVER (Portuguese)

82

Avaliação de hábitos tabágicos em alunos do ensino secundário/ Smoking habits in secondary school students

Damas, C; Saleiro, S; Marinho, A; Fernandes, G; Gomes, I
2009-01-01

Resumo em português Introdução: O consumo de tabaco é um factor de risco importante em doenças com mortalidade e morbilidade importante. O hábito de fumar é adquirido precocemente na adolescência, sendo esta fase do desenvolvimento um período crítico para a aquisição deste hábito. Métodos: De forma a avaliar os hábitos tabágicos, bem como os conhecimentos dos malefícios relacionados com o seu consumo, foi realizado um inquérito confidencial em quatro escolas secundárias da (mais) área do grande Porto. Os dados obtidos foram avaliados com recurso ao programa SPSS 1.2 (versão 2004). Resultados: Foram obtidas respostas de 1770 alunos, com idades compreendidas entre os 11 e os 21 anos (mediana de 15,1 anos), a maioria do sexo feminino (58%). A maioria dos estudantes (n=952, 54,6%) tinha conhecimento dos avisos relacionados com o fumo dispersos na escola. A grande maioria (n=1639, 92,7%) considerava-se bem informada no que respeita aos malefícios do tabaco. No entanto, apenas 6,7% mencionou três ou mais patologias relacionadas com o consumo de tabaco. Quantos às fontes de informação os pais e os amigos foram as mais frequentemente referidas. Do total de estudantes que responderam ao inquérito 194 (11,1%) eram fumadores, tendo em média começado a fumar com 15 anos. A maioria (n=111; 57,2%) eram filhos de fumadores e a maioria dos fumadores (96,4%) tinham amigos fumadores versus 83,1% dos não fumadores, sendo esta diferença estatisticamente significativa (p Resumo em inglês Background: Smoking is an important health risk in general, and responsible for diseases with significant mortality and morbidity. Smoking habits start early and adolescence is a notorious time for starting smoking. Aim and Methods: To assess knowledge on smoking and smoking habits in a population of adolescents in four Porto schools, using a confidential self administered questionnaire. Collected data were evaluated using the SPSS 1.2 statistics program (2004 version). R (mais) esults: A total of 1770 students aged 11 - 21(median 15.1 years), mainly female, (58%), answered. Most students (n=952, 54.6%) were unaware of signs or warnings against in their schools. The great majority (n=1639, 92.7%) considered themselves well informed on the harmful effects of smoking, but only 6.7% could list three or more tobacco-associated health consequences, however. Parents and friends were seen as privileged sources of information. Among these students, 194 (11.1%) were smokers and the average started to smoke at the age of 15. The majority of these (n=111, 57.2%) had parents who smoked and 96.4% had friends who smoked, versus 83.1% of non-smokers, a statistically significant difference (p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

83

Avaliação da participação de pequeno número de estudantes universitários em um programa de tratamento do tabagismo/ Evaluation of the limited participation by university students in a smoking cessation program

Spiandorello, Wilson Paloschi; Filippini, Liliana Zugno; Dal Pizzol, Angélica; Kreische, Fernanda; Soligo, Diogo Sandri; Spiandorello, Tiago; Boff, Raquel; Michele, Mauricio
2007-02-01

Resumo em português OBJETIVO: Avaliar a participação de pequeno número de estudantes da Universidade de Caxias do Sul em um programa de tratamento do tabagismo. MÉTODOS: Delineamento transversal e comparativo entre alunos que se inscreveram em um programa de tratamento do tabagismo e alunos que não se inscreveram. RESULTADOS: De 108 alunos não inscritos, 102 não mostraram intenção de parar de fumar (94,4%, intervalo de confiança de 95% de 88,29% a 97,93%). As comparações entre in (mais) scritos e não inscritos mostraram diferenças estatísticas, respectivamente: nas idades 35 e 23 anos, p Resumo em inglês OBJECTIVE: To evaluate the limited participation by university students in a smoking cessation program. METHODS: A cross-sectional, comparative study was conducted at the University of Caxias do Sul, located in Caxias do Sul, Brazil, involving students who enrolled in a smoking cessation program, together with those who did not. RESULTS: Of the 108 student who did not enroll in the program, 102 (94.4%) stated that they had no intention to quit smoking (95% confidence inte (mais) rval: 88.29-97.93%. Comparisons between the enrolled and nonenrolled students revealed the following statistical differences: in mean age (35 vs. 23 years, p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

84

Avaliação da concentração de monóxido de carbono no ar exalado em tabagistas com DPOC/ Evaluation of the exhaled carbon monoxide levels in smokers with COPD

Chatkin, Gustavo; Chatkin, José Miguel; Aued, Gabriel; Petersen, Guilherme Oliveira; Jeremias, Edna Thais; Thiesen, Flávia Valladão
2010-06-01

Resumo em português OBJETIVO: Medir os níveis de monóxido de carbono no ar exalado (COex) em tabagistas com e sem DPOC. MÉTODOS: Tabagistas frequentadores dos ambulatórios do Hospital São Lucas em Porto Alegre (RS) entre setembro de 2007 e março de 2009 foram convidados a participar do estudo. Os participantes responderam a um questionário com características demográficas e epidemiológicas e realizaram espirometria, medição de cotinina urinária e de COex. Os participantes foram (mais) agrupados conforme a presença de DPOC. RESULTADOS: Foram incluídos 294 tabagistas, 174 (59,18%) diagnosticados com DPOC. Todos os participantes apresentavam níveis de cotinina urinária > 50 ng/mL. Os fumantes com DPOC apresentaram medianas significativamente superiores as do grupo sem DPOC para as variáveis idade e maços-ano (p Resumo em inglês OBJECTIVE: To measure exhaled carbon monoxide (COex) levels in smokers with and without COPD. METHODS: Smokers treated at outpatient clinics of São Lucas Hospital in the city of Porto Alegre, Brazil, between September of 2007 and March of 2009 were invited to participate in this study. The participants completed a questionnaire regarding demographic and epidemiologic characteristics and were submitted to spirometry, as well as to determination of COex and urinary cotinin (mais) e levels. The participants were divided into two groups: those with COPD and those without COPD. RESULTS: The study involved 294 smokers, of whom 174 (59.18%) had been diagnosed with COPD. All of the participants presented with urinary cotinine levels > 50 ng/mL. Smokers with COPD presented significantly higher median values for age and pack-years than did those without COPD (p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

85

Associação tabagismo-alcoolismo: introdução às grandes dependências humanas/ Association between smoking and alcoholism: initiation into the major human dependencies

Chaieb, José A .; Castellarin, Cassio
1998-06-01

Resumo em português OBJETIVO: Verificar a existência da associação tabagismo-alcoolismo em amostra da população geral e comparar uma amostra alcoolista com outra abstêmia, pareadas pela idade e sexo. MATERIAL E MÉTODO: Na Unidade Sanitária Murialdo de Porto Alegre, RS numa área delimitada, com uma população estimada de 65.000 habitantes, foi feito estudo por corte transversal em que se definiu uma amostra representativa de indivíduos com 35 anos e mais. Através da Escala CAGE, i (mais) dentificou-se a população alcoolista que foi comparada a uma amostra aleatória de não-alcoolistas, pareada à alcoolista pela idade e sexo. Dentre 1.387 adultos com 35 anos ou mais, identificaram-se 129 indivíduos alcoolistas. Da listagem geral, selecionou-se aleatoriamente, uma amostra-controle de 129 indivíduos não-alcoolistas, criando-se, assim, dois grupos comparativos. Foram obtidos dados comparativos através de 19 itens de um questionário. As informações de caráter genérico eram pessoais ou familiares, como renda e hábito tabágico. O grau de escolaridade, ocupação, doenças e sintomas respiratórios, medida do fluxo expiratório (Pico do Fluxo) e história de alcoolismo eram exclusivas dos indivíduos com 35 anos ou mais que responderam ao questionário. RESULTADOS: Dos 129 indivíduos (9,3%) alcoolistas, 109 (84,4%) eram do sexo masculino e 20 (25,6%) do feminino. Entre alcoolistas, é maior a prevalência de fumantes (67%) se comparada com a prevalência entre os não-alcoolistas (43%) (p Resumo em inglês OBJECTIVE: To establish the existence of an association between smoking and alcoholism in a general population sample and to compare two samples of alcoholics and non alcoholics matched by age and sex. MATERIAL AND METHOD: Health Teaching Unit Murialdo - State Health Department - RS - Brazil in a limited area of 65,000 predicted population a cross-sectional study was undertaken in which adults of 35 y.o. or more were sampled. Of this sample, the alcoholics were selected b (mais) y applying the CAGE Scale. A non alcoholic random sample was compared with the alcoholic one. It was identified 129 alcoholics among 1,387 adults of 35 y.o. or more. From the general list of adults a random sample of 129 non alcoholics were selected and matched to the alcoholics by age and sex. Both groups were compared. Data were obtained from a 19 item questionnaire. Answers to generic questions were obtained from all family members, such as: income and smoking habit. Specific data were obtained from the interviewed person of 35 y.o. or more, such as: schooling grade, occupation, diseases and respiratory symptoms, smoking habit, Peak Expiratory Flow and alcoholism. RESULTS: Of 129 alcoholics, 109 (84.5%) were male and 20 (15.5%) were female. The smoking prevalence among alcoholics (67%) was greater than among non alcoholics (43%) (p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

86

Associação tabagismo-alcoolismo: introdução às grandes dependências humanas/ Association between smoking and alcoholism: initiation into the major human dependencies

Chaieb, José A .; Castellarin, Cassio
1998-06-01

Resumo em português OBJETIVO: Verificar a existência da associação tabagismo-alcoolismo em amostra da população geral e comparar uma amostra alcoolista com outra abstêmia, pareadas pela idade e sexo. MATERIAL E MÉTODO: Na Unidade Sanitária Murialdo de Porto Alegre, RS numa área delimitada, com uma população estimada de 65.000 habitantes, foi feito estudo por corte transversal em que se definiu uma amostra representativa de indivíduos com 35 anos e mais. Através da Escala CAGE, i (mais) dentificou-se a população alcoolista que foi comparada a uma amostra aleatória de não-alcoolistas, pareada à alcoolista pela idade e sexo. Dentre 1.387 adultos com 35 anos ou mais, identificaram-se 129 indivíduos alcoolistas. Da listagem geral, selecionou-se aleatoriamente, uma amostra-controle de 129 indivíduos não-alcoolistas, criando-se, assim, dois grupos comparativos. Foram obtidos dados comparativos através de 19 itens de um questionário. As informações de caráter genérico eram pessoais ou familiares, como renda e hábito tabágico. O grau de escolaridade, ocupação, doenças e sintomas respiratórios, medida do fluxo expiratório (Pico do Fluxo) e história de alcoolismo eram exclusivas dos indivíduos com 35 anos ou mais que responderam ao questionário. RESULTADOS: Dos 129 indivíduos (9,3%) alcoolistas, 109 (84,4%) eram do sexo masculino e 20 (25,6%) do feminino. Entre alcoolistas, é maior a prevalência de fumantes (67%) se comparada com a prevalência entre os não-alcoolistas (43%) (p Resumo em inglês OBJECTIVE: To establish the existence of an association between smoking and alcoholism in a general population sample and to compare two samples of alcoholics and non alcoholics matched by age and sex. MATERIAL AND METHOD: Health Teaching Unit Murialdo - State Health Department - RS - Brazil in a limited area of 65,000 predicted population a cross-sectional study was undertaken in which adults of 35 y.o. or more were sampled. Of this sample, the alcoholics were selected b (mais) y applying the CAGE Scale. A non alcoholic random sample was compared with the alcoholic one. It was identified 129 alcoholics among 1,387 adults of 35 y.o. or more. From the general list of adults a random sample of 129 non alcoholics were selected and matched to the alcoholics by age and sex. Both groups were compared. Data were obtained from a 19 item questionnaire. Answers to generic questions were obtained from all family members, such as: income and smoking habit. Specific data were obtained from the interviewed person of 35 y.o. or more, such as: schooling grade, occupation, diseases and respiratory symptoms, smoking habit, Peak Expiratory Flow and alcoholism. RESULTS: Of 129 alcoholics, 109 (84.5%) were male and 20 (15.5%) were female. The smoking prevalence among alcoholics (67%) was greater than among non alcoholics (43%) (p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

87

Agressão física e classe social/ Physical aggression and social class

Gianini, Reinaldo J.; Litvoc, Julio; Eluf Neto, José
1999-04-01

Resumo em português OBJETIVO: Considerando-se o aumento da violência e a escassez de informações sobre a relação classe social e vitimização por agressão física, realizou-se estudo com o objetivo de investigar esta associação. MÉTODOS: Foi adotado o estudo de caso-controle. Foram incluídos 191 casos de agressão física e 222 controles selecionados entre os indivíduos com queixas clínico-cirúrgicas não violentas, pareados por freqüência aos casos segundo sexo e idade, todo (mais) s recrutados no período de 1/10/93 a 19/1/95, em pronto-socorro de Sorocaba, SP, Brasil. Foi aplicado questionário para obtenção de informações sobre classe social, cor, situação conjugal, hábito de fumar, ingestão de álcool e uso de drogas ilícitas. RESULTADOS: Ajustando-se os resultados por sexo, idade e os outros fatores estudados encontrou-se um risco de vitimização por agressão física significantemente maior para o subproletariado, com "Odds ratio" igual a 3,28 e Intervalo de Confiança de 95% igual a 1,42-7,59. CONCLUSÃO: Classe social é um fator importante no fenômeno da vitimização por agressão física, devendo o subproletariado receber atenção especial nas estratégias de intervenção para o problema. Resumo em inglês OBJECTIVE: Considering the increase of violence and the scarcity of informations about the relation between social class and victimization by physical aggression, a study was conducted to investigate this association. METHODS: A hospital-based case-control study. Cases and controls were recruited at a hospital, first-aid clinic, from 1/10/93 to 19/1/95. The study included 191 cases and 222 controls selected from among patients with non-violent clinical-surgical complaints (mais) , frequency-matched to cases by sex and age. Using a standardized questionnaire applied by trained interviewers, information obtained included social class, skin color, marital status, smoking habits, alcohol consumption and illicit drug use. RESULTS: Adjusting for sex and age, the risk of victimization by physical aggression was significantly higher for the subproletariat, Odds Ratio (OR) 4.20, 95% Confidence Interval (95% CI) 1.99-8.84; single (OR=2.10) or informal union (OR=2.62) as marital status (reference group = married); smokers of more than 10 cigarettes/day (OR=2.75); alcohol consumption (OR=2.08 for 240 grams/week); and illicit drug users (OR=3.07). After adjusting for all factors studied a significant risk remained for the subproletariat (OR=3.28, 95% CI 1.42-7.59); single as marital status (OR=2.05, 95% CI 1.09-3.88); and alcohol consumption (OR=2.01, 95% IC 1.07-3.77 for 240 grams/week). CONCLUSION: Social class is an important factor in the phenomenon of victimization by physical aggression, with the subproletariat deserving special attention in the strategies of intervention regarding this problem.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

88

Agressão física e classe social/ Physical aggression and social class

Gianini, Reinaldo J.; Litvoc, Julio; Eluf Neto, José
1999-04-01

Resumo em português OBJETIVO: Considerando-se o aumento da violência e a escassez de informações sobre a relação classe social e vitimização por agressão física, realizou-se estudo com o objetivo de investigar esta associação. MÉTODOS: Foi adotado o estudo de caso-controle. Foram incluídos 191 casos de agressão física e 222 controles selecionados entre os indivíduos com queixas clínico-cirúrgicas não violentas, pareados por freqüência aos casos segundo sexo e idade, todo (mais) s recrutados no período de 1/10/93 a 19/1/95, em pronto-socorro de Sorocaba, SP, Brasil. Foi aplicado questionário para obtenção de informações sobre classe social, cor, situação conjugal, hábito de fumar, ingestão de álcool e uso de drogas ilícitas. RESULTADOS: Ajustando-se os resultados por sexo, idade e os outros fatores estudados encontrou-se um risco de vitimização por agressão física significantemente maior para o subproletariado, com "Odds ratio" igual a 3,28 e Intervalo de Confiança de 95% igual a 1,42-7,59. CONCLUSÃO: Classe social é um fator importante no fenômeno da vitimização por agressão física, devendo o subproletariado receber atenção especial nas estratégias de intervenção para o problema. Resumo em inglês OBJECTIVE: Considering the increase of violence and the scarcity of informations about the relation between social class and victimization by physical aggression, a study was conducted to investigate this association. METHODS: A hospital-based case-control study. Cases and controls were recruited at a hospital, first-aid clinic, from 1/10/93 to 19/1/95. The study included 191 cases and 222 controls selected from among patients with non-violent clinical-surgical complaints (mais) , frequency-matched to cases by sex and age. Using a standardized questionnaire applied by trained interviewers, information obtained included social class, skin color, marital status, smoking habits, alcohol consumption and illicit drug use. RESULTS: Adjusting for sex and age, the risk of victimization by physical aggression was significantly higher for the subproletariat, Odds Ratio (OR) 4.20, 95% Confidence Interval (95% CI) 1.99-8.84; single (OR=2.10) or informal union (OR=2.62) as marital status (reference group = married); smokers of more than 10 cigarettes/day (OR=2.75); alcohol consumption (OR=2.08 for 240 grams/week); and illicit drug users (OR=3.07). After adjusting for all factors studied a significant risk remained for the subproletariat (OR=3.28, 95% CI 1.42-7.59); single as marital status (OR=2.05, 95% CI 1.09-3.88); and alcohol consumption (OR=2.01, 95% IC 1.07-3.77 for 240 grams/week). CONCLUSION: Social class is an important factor in the phenomenon of victimization by physical aggression, with the subproletariat deserving special attention in the strategies of intervention regarding this problem.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)