Sample records for cell cultures
from WorldWideScience.org

Sample records 1 - 20 shown. Select sample records:



1

Micoplasma como contaminante de culturas celulares mantidas em laboratórios de instituições particulares e oficiais/ Mycoplasma contamination of cell cultures maintained in laboratories of private, government and college institutions

Miyaki, Cosue; Pral, Michel Marie; Gallina, Neusa Maria Frazatti; Rizzo, Edda de
1989-02-01

Resumo em português Foi realizado estudo sobre a incidência de contaminação por micoplasma em 29 tipos de linhagens celulares pertencentes a sete laboratórios de instituições particulares, oficiais e de ensino superior. Utilizando o método de cultivo direto e oito passagens seriadas em meios específicos, líquido e sólido, verificou-se que, do total de 106 amostras, 48 apresentaram-se contaminadas por micoplasma (45,28%), o que constitui elevado índice de contaminação. O fato ind (mais) ica que testes periódicos para a determinação da presença de micoplasma nas culturas em utilização é recomendável e que as culturas contaminadas devem ser eliminadas para evitar a disseminação do microrganismo. Outras medidas preventivas devem ser adotadas, como a eliminação da pipetagem bucal, execução de técnicas assépticas mais estritas no manuseio das células, controle dos soros de origem animal, da tripsina e de outros componentes dos meios de cultura utilizados em cultura celular. O estudo mostrou que, ao invés das oito passagens seriadas propostas inicialmente, cinco foram suficientes para a detecção dos micoplasmas, o que representa economia de tempo e de materiais de custo elevado, reduzindo de 848 para 530 o número de passagens e a duração do teste, de oito para cinco semanas. Resumo em inglês Mycoplasma is one of the most serious contaminants of cell cultures. Its detection is very important in virology, as well as its eradication. The aim of this study was to verify the incidence of mycoplasma in cell lines maintained in seven laboratories of private, government and college institutions of the State of São Paulo, Brazil, for the purposes of research, production of reagents for diagnosis and production of biologicals for human and animal use. Of the 29 cell l (mais) ines, eight were derived from human tissues and 21 from other animal species (dog, rabbit, mouse, hamster, monkey, pig, chicken and ox). Using the direct method with specific liquid and solid media for detection of mycoplasma, 48 out of the 106 cell samples tested were positive, corresponding to a contamination index of 45.28%. The incidence of contamination among the 35 cell samples of human origin was 51.43% (18 positive). Of the 71 samples originated from other species, 30 were positive (42.25%). The high incidence of contamination found calls for the adoption of measures for the prevention of this hazard: the elimination of mouth pipetting, the use of aseptic techniques and a rigid control of trypsin, serum and other components of cell culture media. The substitution of mycoplasma-free cultures for all contaminated ones and the performance of periodical tests for mycoplasma detection must also be carried out to prevent and avoid the dissemination of these organisms. Data obtained showed that contamination appeared in the 2nd (72.92%), in the 3rd (20.83%) and in the 4th passage (6.25%). By using this technique, five passages are sufficient to detect mycoplasma and allow a safety margin, thus shortening the length of the test, saving reagents and providing satisfactory and reliable results. If a similar study were carried out establishing five as the number of serial passages for each mycoplasma detection test, the original number of passages would be reduced from 848 to 530 and the time spent on the test would be reduced from eight weeks to five.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

2

Micoplasma como contaminante de culturas celulares mantidas em laboratórios de instituições particulares e oficiais/ Mycoplasma contamination of cell cultures maintained in laboratories of private, government and college institutions

Miyaki, Cosue; Pral, Michel Marie; Gallina, Neusa Maria Frazatti; Rizzo, Edda de
1989-02-01

Resumo em português Foi realizado estudo sobre a incidência de contaminação por micoplasma em 29 tipos de linhagens celulares pertencentes a sete laboratórios de instituições particulares, oficiais e de ensino superior. Utilizando o método de cultivo direto e oito passagens seriadas em meios específicos, líquido e sólido, verificou-se que, do total de 106 amostras, 48 apresentaram-se contaminadas por micoplasma (45,28%), o que constitui elevado índice de contaminação. O fato ind (mais) ica que testes periódicos para a determinação da presença de micoplasma nas culturas em utilização é recomendável e que as culturas contaminadas devem ser eliminadas para evitar a disseminação do microrganismo. Outras medidas preventivas devem ser adotadas, como a eliminação da pipetagem bucal, execução de técnicas assépticas mais estritas no manuseio das células, controle dos soros de origem animal, da tripsina e de outros componentes dos meios de cultura utilizados em cultura celular. O estudo mostrou que, ao invés das oito passagens seriadas propostas inicialmente, cinco foram suficientes para a detecção dos micoplasmas, o que representa economia de tempo e de materiais de custo elevado, reduzindo de 848 para 530 o número de passagens e a duração do teste, de oito para cinco semanas. Resumo em inglês Mycoplasma is one of the most serious contaminants of cell cultures. Its detection is very important in virology, as well as its eradication. The aim of this study was to verify the incidence of mycoplasma in cell lines maintained in seven laboratories of private, government and college institutions of the State of São Paulo, Brazil, for the purposes of research, production of reagents for diagnosis and production of biologicals for human and animal use. Of the 29 cell l (mais) ines, eight were derived from human tissues and 21 from other animal species (dog, rabbit, mouse, hamster, monkey, pig, chicken and ox). Using the direct method with specific liquid and solid media for detection of mycoplasma, 48 out of the 106 cell samples tested were positive, corresponding to a contamination index of 45.28%. The incidence of contamination among the 35 cell samples of human origin was 51.43% (18 positive). Of the 71 samples originated from other species, 30 were positive (42.25%). The high incidence of contamination found calls for the adoption of measures for the prevention of this hazard: the elimination of mouth pipetting, the use of aseptic techniques and a rigid control of trypsin, serum and other components of cell culture media. The substitution of mycoplasma-free cultures for all contaminated ones and the performance of periodical tests for mycoplasma detection must also be carried out to prevent and avoid the dissemination of these organisms. Data obtained showed that contamination appeared in the 2nd (72.92%), in the 3rd (20.83%) and in the 4th passage (6.25%). By using this technique, five passages are sufficient to detect mycoplasma and allow a safety margin, thus shortening the length of the test, saving reagents and providing satisfactory and reliable results. If a similar study were carried out establishing five as the number of serial passages for each mycoplasma detection test, the original number of passages would be reduced from 848 to 530 and the time spent on the test would be reduced from eight weeks to five.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

3

Caracterização bioquímica de soros de bezerros utilizados na manutenção de culturas celulares usadas em virologia/ Biochemical characterization of calf sera used for the growth of cell cultures used in virology

Tenório, Elisabeth Christina Nunes; Fang, Francisco Liauw Woe; Akimura, Olga Kikue; Yano, Anatércia Ferreira Bonfim; Rizzo, Edda de; Strufaldi, Bruno; Hirata, Mario; Abdalla, Dulcinéia Saes Parra; Ishizuka, Massaio Mizuno
1989-04-01

Resumo em português Oito lotes de soros de bezerros com idade maior ou menor de seis meses, usados para suplementar meios de cultivo de linhagens de células de uso difundido em virologia, foram testados quanto à sua capacidade promotora de crescimento (CPC) e classificados como bons promotores ou promotores pobres. Foram pesquisados parâmetros relacionados com macronutrientes para estabelecer o perfil bioquímico daqueles lotes. Os resultados obtidos podem ser considerados valores normais (mais) para animais aparentemente sadios. As variações que ocorreram para um mesmo parâmetro bioquímico, entre os resultados da pesquisa e os de alguns estudos existentes na literatura, podem ser atribuídas à metodologia utilizada, à raça e idade dos animais, ou mesmo à própria dieta regional. A análise estatística, realizada pela aplicação do teste "t" de Student aos valores das médias e dos desvios padrão, demonstrou que, com relação às frações séricas, não ocorreram diferenças significantes entre soros de CPC celular boa ou pobre, considerando-se t c=2,45, enquanto que, para soros animais maiores ou menores de seis meses, apenas os resultados relativos às frações alfa e beta (t=2,68 e 2,61, respectivamente) apresentaram significância, sendo superiores ao t crítico. Ficou evidenciado que a avaliação do conjunto de parâmetros bioquímicos pesquisados não permite diferenciar soros pertencentes aos dois grupos de animais, isto é, identificar soros de boa ou de pobre CPC, ou soros de bezerros maiores ou menores de seis meses de idade Resumo em inglês Eight lots of the calf sera employed to supplement culture media for the cultivation of animal cells, of widespread use in virology obtained from calves above and below six months of age were rated as good or as poor cell growth promoters according to their growth promoting capacity (GPC). Parameters related to macronutrients contained in these serum lots were then evaluated with the purpose of establishing their biochemical profiles. The results obtained can be considere (mais) d as normal values for apparently healthy animal donors. Fluctuations found between the data of this investigation and those mentioned in the literature for certain biochemical parameters are probably due to the methodology employed, the breed and age of the animals, or even to regional diet. Student's "t" test was applied for the statistical analysis of the results and demonstrated that, as far as serum fractions were concerned, no significant differences occurred between sera rated as good and poor cell growth promoters, taking t c= 2.45. For calf sera from animals above and below six months of age, two tests relating to alfa and beta fractions were significant (t=2.68 and 2.61 respectively). It was demonstrated that the evaluation of the biochemical parameters mentioned "per se" neither leads to the identification of calf sera presentig good or poor GPC, nor of sera harvested from calves younger or older than six months.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

4

Caracterização bioquímica de soros de bezerros utilizados na manutenção de culturas celulares usadas em virologia/ Biochemical characterization of calf sera used for the growth of cell cultures used in virology

Tenório, Elisabeth Christina Nunes; Fang, Francisco Liauw Woe; Akimura, Olga Kikue; Yano, Anatércia Ferreira Bonfim; Rizzo, Edda de; Strufaldi, Bruno; Hirata, Mario; Abdalla, Dulcinéia Saes Parra; Ishizuka, Massaio Mizuno
1989-04-01

Resumo em português Oito lotes de soros de bezerros com idade maior ou menor de seis meses, usados para suplementar meios de cultivo de linhagens de células de uso difundido em virologia, foram testados quanto à sua capacidade promotora de crescimento (CPC) e classificados como bons promotores ou promotores pobres. Foram pesquisados parâmetros relacionados com macronutrientes para estabelecer o perfil bioquímico daqueles lotes. Os resultados obtidos podem ser considerados valores normais (mais) para animais aparentemente sadios. As variações que ocorreram para um mesmo parâmetro bioquímico, entre os resultados da pesquisa e os de alguns estudos existentes na literatura, podem ser atribuídas à metodologia utilizada, à raça e idade dos animais, ou mesmo à própria dieta regional. A análise estatística, realizada pela aplicação do teste "t" de Student aos valores das médias e dos desvios padrão, demonstrou que, com relação às frações séricas, não ocorreram diferenças significantes entre soros de CPC celular boa ou pobre, considerando-se t c=2,45, enquanto que, para soros animais maiores ou menores de seis meses, apenas os resultados relativos às frações alfa e beta (t=2,68 e 2,61, respectivamente) apresentaram significância, sendo superiores ao t crítico. Ficou evidenciado que a avaliação do conjunto de parâmetros bioquímicos pesquisados não permite diferenciar soros pertencentes aos dois grupos de animais, isto é, identificar soros de boa ou de pobre CPC, ou soros de bezerros maiores ou menores de seis meses de idade Resumo em inglês Eight lots of the calf sera employed to supplement culture media for the cultivation of animal cells, of widespread use in virology obtained from calves above and below six months of age were rated as good or as poor cell growth promoters according to their growth promoting capacity (GPC). Parameters related to macronutrients contained in these serum lots were then evaluated with the purpose of establishing their biochemical profiles. The results obtained can be considere (mais) d as normal values for apparently healthy animal donors. Fluctuations found between the data of this investigation and those mentioned in the literature for certain biochemical parameters are probably due to the methodology employed, the breed and age of the animals, or even to regional diet. Student's "t" test was applied for the statistical analysis of the results and demonstrated that, as far as serum fractions were concerned, no significant differences occurred between sera rated as good and poor cell growth promoters, taking t c= 2.45. For calf sera from animals above and below six months of age, two tests relating to alfa and beta fractions were significant (t=2.68 and 2.61 respectively). It was demonstrated that the evaluation of the biochemical parameters mentioned "per se" neither leads to the identification of calf sera presentig good or poor GPC, nor of sera harvested from calves younger or older than six months.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

5

Identificação de micoplasmas pela inibição de crescimento de amostras isoladas de culturas celulares/ Identification of mycoplasma samples isolated from cell cultures by the growth inhibition test

Timenetsky, Jorge; Miyaki, Cosue; Mendes, Inácio França; Rizzo, Edda de
1992-02-01

Resumo em português As culturas celulares devem ser continuamente monitoradas quanto à presença de micoplasmas, pois, embora às vezes eles passem despercebidos, podem causar alterações cromossômicas, interferir na replicação viral, na produção de anticorpos e interferon. A Organização Internacional em Micoplasmologia (IOM) recomenda o isolamento e a identificação de micoplasmas, visando detectar as prováveis origens da infecção e melhorar a qualidade das culturas. Assim, for (mais) am analisadas pela inibição de crescimento, 37 amostras pertencentes a 27 linhagens celulares contaminadas por micoplasmas. Em nenhuma amostra foi observada a ocorrência de duas espécies. Foram identificados 18 (48,65%) Mycoplasma arginini, 15 (40,55%) Acholeplasma laidlawii, dois (5,40%) Mycoplasma orale, sendo que duas amostras (5,40%) não foram identificadas. Considerando as espécies caracterizadas na pesquisa, os autores sugerem: a) a adoção do teste de isolamento de micoplasmas em caráter de rotina; b) o aprimoramento das técnicas de assepsia e desinfecção; c) a eliminação da pipetagem bucal; d) a utilização de soros e de outros componentes de meios de cultura de qualidade certificada; e) o questionamento da presença de micoplasmas quando linhagens celulares são permutadas pelas instituições; f) a avaliação cautelosa de resultados obtidos quando se utilizam culturas infectadas por esse microrganismo. Resumo em inglês Cell cultures must be continuously screened for the presence of mycoplasma because, although these microorganisms sometimes pass unoticed, they may cause chromosomic alterations and interfere with viral replication, antibody and interferon production etc. The International Organization for Mycoplasmology (IOM) recommends the isolation and identification of mycoplasma with a view to the detection of the origin of the infection and the improvement of the quality of the cult (mais) ures. In this paper, 37 samples belonging to 27 cell lines contaminated with mycoplasma were assayed by the growth inhibition test. It is known that Mycoplasma orale is the most common human mycoplasma contaminant of cell cultures, the major vehicle of contamination being mouth pippeting, while commercial bovine serum in the main source for Mycoplasma arginini and Acholeplasma laidlawii. M. arginini was found in 18 (48.65%) of the cell samples tested, A. laidlawii in 15 (40.55%), and M. orale in two (5.40%). Two other samples could not be identified by the antisera used (antisera against M. arginini, M. orale, Mycoplasma hyorhinis and A. laidlawii) their characteristics being "fried egg" colonies, digitonine sensitivity, Dienes stained, positive glucose catabolism, negative arginini hydrolysis, and negative tetrazolium reduction. No more than one type of mycoplasma was found in each cell culture. In the light of the results of the study, it is suggested that: a) cell cultures should be tested for mycoplasma on a routine basis; b) microbial control techniques be unproved; c) mouth pippeting be abolished; d) serum and cell culture media components purchased be of certified quality; e) the presence of mycoplasma when cell lines are exchanged among institutions be investigated; f) data obtained when mycoplasma infected cell cultures are used be carefully evaluated.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

6

Identificação de micoplasmas pela inibição de crescimento de amostras isoladas de culturas celulares/ Identification of mycoplasma samples isolated from cell cultures by the growth inhibition test

Timenetsky, Jorge; Miyaki, Cosue; Mendes, Inácio França; Rizzo, Edda de
1992-02-01

Resumo em português As culturas celulares devem ser continuamente monitoradas quanto à presença de micoplasmas, pois, embora às vezes eles passem despercebidos, podem causar alterações cromossômicas, interferir na replicação viral, na produção de anticorpos e interferon. A Organização Internacional em Micoplasmologia (IOM) recomenda o isolamento e a identificação de micoplasmas, visando detectar as prováveis origens da infecção e melhorar a qualidade das culturas. Assim, for (mais) am analisadas pela inibição de crescimento, 37 amostras pertencentes a 27 linhagens celulares contaminadas por micoplasmas. Em nenhuma amostra foi observada a ocorrência de duas espécies. Foram identificados 18 (48,65%) Mycoplasma arginini, 15 (40,55%) Acholeplasma laidlawii, dois (5,40%) Mycoplasma orale, sendo que duas amostras (5,40%) não foram identificadas. Considerando as espécies caracterizadas na pesquisa, os autores sugerem: a) a adoção do teste de isolamento de micoplasmas em caráter de rotina; b) o aprimoramento das técnicas de assepsia e desinfecção; c) a eliminação da pipetagem bucal; d) a utilização de soros e de outros componentes de meios de cultura de qualidade certificada; e) o questionamento da presença de micoplasmas quando linhagens celulares são permutadas pelas instituições; f) a avaliação cautelosa de resultados obtidos quando se utilizam culturas infectadas por esse microrganismo. Resumo em inglês Cell cultures must be continuously screened for the presence of mycoplasma because, although these microorganisms sometimes pass unoticed, they may cause chromosomic alterations and interfere with viral replication, antibody and interferon production etc. The International Organization for Mycoplasmology (IOM) recommends the isolation and identification of mycoplasma with a view to the detection of the origin of the infection and the improvement of the quality of the cult (mais) ures. In this paper, 37 samples belonging to 27 cell lines contaminated with mycoplasma were assayed by the growth inhibition test. It is known that Mycoplasma orale is the most common human mycoplasma contaminant of cell cultures, the major vehicle of contamination being mouth pippeting, while commercial bovine serum in the main source for Mycoplasma arginini and Acholeplasma laidlawii. M. arginini was found in 18 (48.65%) of the cell samples tested, A. laidlawii in 15 (40.55%), and M. orale in two (5.40%). Two other samples could not be identified by the antisera used (antisera against M. arginini, M. orale, Mycoplasma hyorhinis and A. laidlawii) their characteristics being "fried egg" colonies, digitonine sensitivity, Dienes stained, positive glucose catabolism, negative arginini hydrolysis, and negative tetrazolium reduction. No more than one type of mycoplasma was found in each cell culture. In the light of the results of the study, it is suggested that: a) cell cultures should be tested for mycoplasma on a routine basis; b) microbial control techniques be unproved; c) mouth pippeting be abolished; d) serum and cell culture media components purchased be of certified quality; e) the presence of mycoplasma when cell lines are exchanged among institutions be investigated; f) data obtained when mycoplasma infected cell cultures are used be carefully evaluated.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

7

Aplicação do método de comparação dos índices de neutralização à identificação intratípica de poliovírus dos tipos 1 e 3, utilizando culturas de células Hep-2/ Application of the neutralization index comparison technique to the intratypic serodifferentiation of type 1 and 3 poliovirus strains, using Hep-2 cell cultures

Stewien, Klaus E.; Lacerda, José P. G. de
1975-06-01

Resumo em português Foram estudadas culturas primárias de células renais de macaco rhesus (RMK) e culturas de células contínuas Hep-2, comparativamente em provas de identificação sorológica intratípica de 28 estirpes de poliovírus dos tipos 1 e 3, pelo método da "comparação dos índices de neutralização". A correlação entre os índices foi elevada -0,953 e 0,986 após incubação de três e cinco dias, respectivamente, e todas as estirpes examinadas mostraram o mesmo resultad (mais) o de identificação nos dois sistemas celulares estudados. Disto se conclui que as culturas de células Hep-2 podem ser utilizadas como alternativa ás culturas primárias de rim de macaco rhesus, na identificação intratípica de poliovírus dos tipos 1 e 3, pelo método mencionado, com as vantagens inerentes às linhagens de células contínuas. Resumo em inglês The Hep-2 cell line was compared to primary rhesus monkey kidney cell cultures (RMK) in the intratypic serodifferentiation of 28 type 1 and 3 poliovirus strains, by the method of comparison of neutralization indices. The correlation between the indices was high - 0.953 and 0.986 after incubation periods of three and five days, respectively - and all the strains showed the same identification result in both the cell sistems studied. It is concluded that cultures of the Hep (mais) -2 cell line can be used as an alternative of the primary rhesus monkey kidney cell cultures in the intratypic differentiation of type J and 3 polioviruses by that method, with the inherent advantages to the continuous passage cell lines.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

8

Aplicação do método de comparação dos índices de neutralização à identificação intratípica de poliovírus dos tipos 1 e 3, utilizando culturas de células Hep-2/ Application of the neutralization index comparison technique to the intratypic serodifferentiation of type 1 and 3 poliovirus strains, using Hep-2 cell cultures

Stewien, Klaus E.; Lacerda, José P. G. de
1975-06-01

Resumo em português Foram estudadas culturas primárias de células renais de macaco rhesus (RMK) e culturas de células contínuas Hep-2, comparativamente em provas de identificação sorológica intratípica de 28 estirpes de poliovírus dos tipos 1 e 3, pelo método da "comparação dos índices de neutralização". A correlação entre os índices foi elevada -0,953 e 0,986 após incubação de três e cinco dias, respectivamente, e todas as estirpes examinadas mostraram o mesmo resultad (mais) o de identificação nos dois sistemas celulares estudados. Disto se conclui que as culturas de células Hep-2 podem ser utilizadas como alternativa ás culturas primárias de rim de macaco rhesus, na identificação intratípica de poliovírus dos tipos 1 e 3, pelo método mencionado, com as vantagens inerentes às linhagens de células contínuas. Resumo em inglês The Hep-2 cell line was compared to primary rhesus monkey kidney cell cultures (RMK) in the intratypic serodifferentiation of 28 type 1 and 3 poliovirus strains, by the method of comparison of neutralization indices. The correlation between the indices was high - 0.953 and 0.986 after incubation periods of three and five days, respectively - and all the strains showed the same identification result in both the cell sistems studied. It is concluded that cultures of the Hep (mais) -2 cell line can be used as an alternative of the primary rhesus monkey kidney cell cultures in the intratypic differentiation of type J and 3 polioviruses by that method, with the inherent advantages to the continuous passage cell lines.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

9

Substâncias antifúngicas constitutivas e induzidas em folhas e suspensões celulares de Rudgea jasminoides (Cham.) Müll. Arg. (Rubiaceae)/ Constitutive and induced antifungal compounds in leaves and cell suspension cultures of Rudgea jasminoides (Cham.) Müll. Arg. (Rubiaceae)

Oliveira, Marisa de Cacia; Simões, Kelly; Braga, Márcia Regina
2009-09-01

Resumo em português Rudgea jasminoides (Cham.) Müll. Arg. é uma rubiácea arbórea nativa da floresta tropical que sintetiza metabólitos secundários antifúngicos, quando em contato com fungos. Membros da família Rubiaceae estão entre as poucas plantas facilmente mantidas em cultura de tecidos e que produzem quantidades substanciais de metabólitos secundários que ultrapassam os níveis normalmente encontrados na planta intacta. Neste trabalho foi analisada a presença de compostos an (mais) tifúngicos constitutivos e induzidos produzidos por folhas e suspensões celulares dessa espécie. Oligogalacturonídeos (OGAs), ácido salicílico(AS), óxido nítrico(NO) e fragmentos de β-glucano de leveduras foram usados como eliciadores. Substâncias constitutivas com atividade antifúngica foram detectadas nas suspensões celulares de R. jasminoides, principalmente na fase estacionária do crescimento das culturas. Essas substâncias foram encontradas em maior diversidade e quantidade quando comparadas às das folhas. O tratamento com fragmentos de β-glucano de leveduras aumentou a produção de substâncias antifúngicas constitutivas e induziu a síntese de compostos antifúngicos ausentes nas culturas não eliciadas (fitoalexinas), principalmente na fase de crescimento exponencial. OGAs derivados da parede celular de folhas dessa espécie também promoveram efeito similar. Nas condições experimentais utilizadas, os sinalizadores endógenos ácido salicílico e óxido nítrico foram tóxicos e ineficazes na ativação da síntese de metabólitos de defesa nas culturas celulares de R. jasminoides. Os resultados obtidos neste trabalho indicam que suspensões celulares de R. jasminoides sintetizam substâncias com atividade antifúngica, cuja produção pode ser aumentada pelo uso de eliciadores de fungos e plantas. Resumo em inglês Rudgea jasminoides (Cham.) Müll. Arg. is a woody Rubiaceae species from tropical forest that synthesized antifungal secondary metabolites when challenged by fungi. Members of the Rubiaceae are among the few plants that are easily taken into cell cultures to produce substantial amounts of secondary products that surpass those of the whole plant. In this work we analyzed the presence of constitutive and induced antifungal compounds produced by leaves and cell suspension cu (mais) ltures of this species. Oligogalacturonides (OGAs), salicylic acid (AS), nitric oxide (NO), and yeast β-glucan fragments were used as elicitors. Constitutive compounds with antifungal activity were detected in cell suspension cultures of R. jasminoides, mainly during the stationary growth phase. They were found in higher diversity and amounts than those present in leaves. Treatment with β-glucan fragments increased the production of constitutive compounds and induced the synthesis of antifungal metabolites absent in non-elicited cultures (phytoalexins), mainly during the exponential growth phase. OGAs derived from R. jasminoides leaf cell walls showed similar effect. Under our experimental conditions, the endogenous signaling molecules salicylic acid and nitric oxide were toxic to the cells and did not act as elicitors of antifungal compounds in suspension cultures of R. jasminoides. Our data indicate that cell suspension cultures of R. jasminoides are able to synthesize antifungal compounds and their production can be enhanced by fungal or plant elicitors.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

10

Avaliação da citotoxicidade de dois sistemas adesivos/ Evaluation of the cytotoxicity of two dentin-bonding systems

DEMARCO, Flávio Fernando; TARQUINIO, Sandra Beatriz Chaves; JAEGER, Márcia Martins Marques; MATSON, Edmir
1998-10-01

Resumo em português Avaliamos a citotoxicidade in vitro de dois sistemas adesivos (Scotchbond Multipurpose Plus e Clearfil Liner Bond 2) utilizando fibroblastos NIH-3T3. Culturas celulares confluentes entraram em contato com os sistemas adesivos completos e com seus componentes individuais ("primer" e adesivo). As substâncias foram aplicadas sobre lamínulas de vidro e, a seguir, introduzidas nos cultivos celulares. Adicionalmente, testamos a citotoxicidade da resina composta (Z100); do cim (mais) ento de hidróxido de cálcio (Hidro C) e do ácido fosfórico. Como controle utilizamos culturas que receberam lamínulas de vidro sem substâncias. Com exceção do ácido fosfórico, que permaneceu por 20 segundos, todos os materiais foram deixados por 24 horas, período após o qual determinamos a porcentagem de viabilidade celular pelo método da exclusão de células coradas pelo azul de trypan. Os dados dos diferentes grupos foram submetidos a análise estatística (ANOVA e teste de Tukey). Foi possível observar que todas as culturas tratadas apresentaram menor porcentagem de viabilidade celular em relação ao grupo controle, com exceção das culturas tratadas pelo Ca(OH)2, que apresentaram valores similares de viabilidade celular. A aplicação da resina composta, do ácido fosfórico, do "primer" e do adesivo do sistema adesivo Scotchbond Multipurpose Plus empregados individualmente levaram as culturas a apresentar viabilidade celular similar àquela do grupo do Ca(OH)2. Os dois sistemas adesivos, bem como o "primer" e o adesivo do sistema Clearfil Liner Bond 2, quando aplicados individualmente, causaram citotoxicidades similares, levando a porcentagens de viabilidade celular menores do que aquela encontrada com o Ca(OH)2. Não foram encontradas diferenças estatisticamente significantes nos efeitos citotóxicos causados pelos diversos componentes dos dois sistemas adesivos testados. Resumo em inglês The purpose of the present study was to evaluate the cytotoxicity of two different dentin-bonding agents on cell cultures. NIH-3T3 fibroblasts were plated in Petri dishes. After 48 hours, when the cells were in confluence, "primers" and adhesives of two dentin bonding systems (Scotchbond Multipurpose Plus and Clearfil Liner Bond 2) were applied on glass slides, which were placed in the dishes. Composite resin and calcium hydroxide were also used. Polymerization, when requ (mais) ired, was performed with a XL 1500 light unit. No material was used in the control group. All materials remained in contact with the cells for 24 hours, except for phosphoric acid, which was maintained for 20 seconds. After that, cells were counted in a hemocytometer and cell viability was obtained by tripan blue dye exclusion. The data were submitted to statistical analysis (ANOVA and Tukey's test). It was possible to conclude that all materials tested presented lower cell viability than the control group, except calcium hydroxide. Composite resin and phosphoric acid application caused similar viability rates as calcium hydroxide. "Primers" plus adhesive application of both adhesive systems produced similar cytotoxicicity, both causing smaller cell viability than that of calcium hydroxide group. No differences were found in relation to the cytotoxic effects of the components in both adhesive systems.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

11

Utilização de nutrientes por células de algodoeiro cultivadas em suspensão/ Nutrient utilization by cotton cell suspension cultures

Celedón, Paola Alejandra Fiorani; Kobayashi, Adilson Kenji; Vieira, Luiz Gonzaga Esteves
2000-09-01

Resumo em português Com o objetivo de conhecer os requerimentos nutricionais de suspensões celulares de algodoeiro foi feita uma análise da utilização de nutrientes no intervalo de 30 dias, normalmente utilizado entre subculturas. As culturas de células em suspensão de algodoeiro, genótipo 101-102B, foram estabelecidas e subcultivadas mensalmente em meio líquido. Foram analisadas o crescimento das culturas, as variações de pH do meio de cultura e a absorção de nutrientes. A maté (mais) ria fresca das culturas de células foi superior a 6 vezes o valor inicial após 30 dias de cultivo. Houve aumento do pH no início da cultura, estabilizando-se em 6,2 próximo à fase estacionária. Durante o crescimento das suspensões, as células consumiram pelo menos 80% da concentração inicial da maioria dos nutrientes quantificados. A velocidade de absorção, entretanto, variou entre os elementos. Enquanto PO4(3-) foi praticamente esgotado do meio após 10 dias de cultivo, os íons K+, Ca2+, SO4(2-) e Mg2+ foram encontrados em concentrações próximas a 20% do valor inicial após 30 dias. As suspensões de células de algodoeiro consumiram 89% da concentração inicial de glicose. Resumo em inglês The nutrient uptake of cotton suspension cultures was studied during a 30 day-culture period. Cotton cell suspension cultures of the 101-102B genotype were established and monthly subcultured in liquid medium. Culture growth rate, nutrient uptake and pH variations in the medium were measured. A 6-fold increase in fresh weight of the cotton cell culture was observed on day 30. The majority of the nutrients were taken up at a high rate, and their consumption was at least 80 (mais) % of the original concentration. Nevertheless, the uptake rate varied among the elements. While PO4(3-) was practically depleted from the medium on day 10, the ions such as K+, Ca2+, SO4(2-) and Mg2+ had a 20% residual at the end of the period. The pH of the culture medium increased initially and stabilized at pH 6.2 at the beginning of the stationary phase. In addition, the cotton cell suspension culture took up 89% of glucose added to the medium.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

12

Comparação de métodos para testar a citotoxicidade "in vitro" de materiais biocompatíveis/ Comparison of methods to test an "in vitro" test of cytotoxicity of biocompatible hospital materials

Cruz, Aurea Silveira; Figueiredo, Cristina Adelaide; Ikeda, Tamiko Ichikawa; Vasconcelos, Ana Claudia Egydio; Cardoso, Jakson Batista; Salles-Gomes, Luís Florêncio de
1998-04-01

Resumo em português OBJETIVO: Comparar a sensibilidade do método de difusão em ágar e do método de extração utilizando as linhagens celulares RC-IAL (células fibroblásticas de rim de coelho) e HeLa (células epiteliais de carcinoma do colo do útero humano), na avaliação da citotoxicidade "in vitro" de materiais de uso médico-hospitalar. MATERIAL E MÉTODO: Foram testadas 50 amostras escolhidas por sorteio, entre as já conhecidamente positivas e negativas e identificadas como: al (mais) godão, espuma, borracha, látex, celulose e acrílico. Além, das amostras citadas foram testadas experimentalmente várias concentrações de SDS (duodecil sulfato de sódio) nas culturas celulares RC-IAL e HeLa. RESULTADOS: Das 50 amostras testadas , 44 (88%) foram positivas para os dois métodos. Mas quando comparado o SDS nos dois métodos foram observados resultados positivos nas concentrações de 0,5 a 0,05 µg/ml no método de difusão em ágar e no método de extração somente foi observado efeito citotóxico até a concentração de 0,25 µg/ml. CONCLUSÃO: Os resultados encontrados são similares aos observados por outros autores que testaram materiais como, por exemplo, ligas metálicas. Quando foi usado o SDS observou-se, nas duas linhagens celulares, diferenças favoráveis ao método de difusão em ágar em duas concentrações, isto é, a sensibilidade deste método foi significantemente maior, por inspecção, em relação ao método de extração, além de se constituir em método mais simples de ser realizado. Resumo em inglês OBJECTIVE: A comparison of the sensitivity of the agar diffusion method with that of extraction using cell-lines RC-IAL (fibroblastic of rabbit kidney) and HeLa (epithelial carcionoma cells from the cervix uteri of the humam uterus), in the in vitro evaluation of materials of medical and hospital. MATERIAL AND METHODS: Fifteen samples chosen at random, from among the already known positives and negatives in our stock, were tested and identified as cotton, form, latex, cel (mais) lulose and acrylic. Besides the samples mentioned, many SDS (GIbco) concentrations were tested experimentally in RC-IAL and HeLa cell cultures. RESULTS: Of the 50 samples tested, 44 (88%) were positive by both methods. However, when the SDS were compared by using the two methods, positive results were noted in the concentrations of from 0.5 to 0.05µg/ml in the agar diffusion ans extraction methods. A cytotoxic effect was only noted in the concentrations of up to 0.25 µg/ml. CONCLUSION: When the SDS was used, differences favorable to the agar diffusion method were observed in the two cell lines, in two concentrations; that is, the sensitivity of this method was quantitatively greater on inspection than that of the extraction method, as well as being the simpler method to use.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

13

Comparação de métodos para testar a citotoxicidade "in vitro" de materiais biocompatíveis/ Comparison of methods to test an "in vitro" test of cytotoxicity of biocompatible hospital materials

Cruz, Aurea Silveira; Figueiredo, Cristina Adelaide; Ikeda, Tamiko Ichikawa; Vasconcelos, Ana Claudia Egydio; Cardoso, Jakson Batista; Salles-Gomes, Luís Florêncio de
1998-04-01

Resumo em português OBJETIVO: Comparar a sensibilidade do método de difusão em ágar e do método de extração utilizando as linhagens celulares RC-IAL (células fibroblásticas de rim de coelho) e HeLa (células epiteliais de carcinoma do colo do útero humano), na avaliação da citotoxicidade "in vitro" de materiais de uso médico-hospitalar. MATERIAL E MÉTODO: Foram testadas 50 amostras escolhidas por sorteio, entre as já conhecidamente positivas e negativas e identificadas como: al (mais) godão, espuma, borracha, látex, celulose e acrílico. Além, das amostras citadas foram testadas experimentalmente várias concentrações de SDS (duodecil sulfato de sódio) nas culturas celulares RC-IAL e HeLa. RESULTADOS: Das 50 amostras testadas , 44 (88%) foram positivas para os dois métodos. Mas quando comparado o SDS nos dois métodos foram observados resultados positivos nas concentrações de 0,5 a 0,05 µg/ml no método de difusão em ágar e no método de extração somente foi observado efeito citotóxico até a concentração de 0,25 µg/ml. CONCLUSÃO: Os resultados encontrados são similares aos observados por outros autores que testaram materiais como, por exemplo, ligas metálicas. Quando foi usado o SDS observou-se, nas duas linhagens celulares, diferenças favoráveis ao método de difusão em ágar em duas concentrações, isto é, a sensibilidade deste método foi significantemente maior, por inspecção, em relação ao método de extração, além de se constituir em método mais simples de ser realizado. Resumo em inglês OBJECTIVE: A comparison of the sensitivity of the agar diffusion method with that of extraction using cell-lines RC-IAL (fibroblastic of rabbit kidney) and HeLa (epithelial carcionoma cells from the cervix uteri of the humam uterus), in the in vitro evaluation of materials of medical and hospital. MATERIAL AND METHODS: Fifteen samples chosen at random, from among the already known positives and negatives in our stock, were tested and identified as cotton, form, latex, cel (mais) lulose and acrylic. Besides the samples mentioned, many SDS (GIbco) concentrations were tested experimentally in RC-IAL and HeLa cell cultures. RESULTS: Of the 50 samples tested, 44 (88%) were positive by both methods. However, when the SDS were compared by using the two methods, positive results were noted in the concentrations of from 0.5 to 0.05µg/ml in the agar diffusion ans extraction methods. A cytotoxic effect was only noted in the concentrations of up to 0.25 µg/ml. CONCLUSION: When the SDS was used, differences favorable to the agar diffusion method were observed in the two cell lines, in two concentrations; that is, the sensitivity of this method was quantitatively greater on inspection than that of the extraction method, as well as being the simpler method to use.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

14

Tabagismo e diferenciação óssea: efeito de níveis sanguíneos e salivares de nicotina no comportamento de células osteoblásticas de medula óssea humana. Estudo in vitro/ Tobacco use and bone differentiation: effect of plasmatic and salivary levels of nicotine on the beahviour of human bone marrow osteoblastic cells

Pereira, Maria de Lurdes; Carvalho, João da Costa; Peres, Fernando Martins; Gutierrez, Manuel; Fernandes, Maria Helena
2007-01-01

Resumo em português Os hábitos tabágicos constituem um factor de risco para patologias crónicas que envolvem o tecido ósseo como a osteoporose e a perda óssea alveolar associada à doença periodontal. O processo de formação óssea envolve a diferenciação de células osteoprogenitoras em osteoblastos e a formação de uma matrix colagenosa mineralizada. Assim, o objectivo deste trabalho foi caracterizar o comportamento de células osteoblásticas provenientes de medula óssea humana (mais) na presença de concentrações de nicotina representativas dos níveis sanguíneos e salivares presentes nos indivíduos com hábitos tabágicos. As culturas celulares foram mantidas durante 28 dias em condições experimentais que favorecem a diferenciação do fenótipo osteoblástico e cultivadas na ausência (situação controlo) e na presença de nicotina (10 ng/ml - 1 mg/ml). A exposição a 10 ng/ml (concentração representativa dos níveis plasmáticos) não afectou significativamente a proliferação e actividade funcional. A presença de concentrações superiores (0,01 - 1 mg/ml, representativas dos níveis salivares) influenciou o comportamento celular, de modo dependente da dose. As culturas expostas a 0,01 - 0,2 mg/ ml apresentaram estimulação da proliferação celular e da actividade de fosfatase alcalina, associada a uma antecipação do processo de mineralização da matriz extracelular. A exposição a 0,3 mg/ml causou um efeito inibitório inicial, seguido de recuperação dos parâmetros de crescimento e função. Na presença de concentrações superiores, observaram-se efeitos negativos no comportamento celular durante todo o período de incubação; as culturas apresentaram uma diminuição do número de células aderentes, níveis de fosfatase alcalina baixos e extensa vacuolização citoplasmática. Os resultados sugerem a possibilidade de modulação local da actividade osteoblástica pela nicotina, a nível da cavidade oral. Resumo em inglês The use of tobacco has been implicated in bone pathologies like osteoporosis and alveolar bone loss associated to periodontal disease. Bone formation involves the differentiation of osteoprogenitor cells into osteoblasts and the formation of a mineralised colagenous matrix. Therefore, the aim of this work was to characterise the behaviour of human bone marrow derived osteoblastic cells in the presence of nicotine at concentrations representatives of those present in plasm (mais) a and saliva of tobacco users. Cell cultures were maintained for 28 days in experimental conditions that favour the differentiation of the osteoblastic phenotype and cultured in the absence (control) and in the presence of nicotine (10 ng/ml - 1 mg/ml). Results showed that nicotine, at 10 ng/ml (representative of plasmatic levels), did not affect significantly cell proliferation and functional activity. The presence of higher levels, 0.01 - 1mg/ml (representative of the salivary levels), affected cell behaviour in a dose dependent manner. Cultures exposed to 0.01 - 0.2 mg/ml presented increased cell proliferation and alkaline phosphatase activity, associated to an anticipation of the matrix mineralization. Treatment with 0.3 mg/ml caused an initial inhibitory effect followed by a recovery of the cell growth and functional parameters. In the presence of higher concentrations, negative effects on cell behaviour were observed throughout the incubation time; cultures presented decreased numbers of adherent cells, low alkaline phosphatase levels and cytoplasm vacuolation. Results suggest the possibility of local modulation of the osteoblastic activity by nicotine, at the oral cavity.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

15

Compatibilidades e incompatibilidades entre radiação gama e óxido de etileno como métodos sucessivos de esterilização/ Compatibilities and incompatibilities between gamma rays and ethylene oxide as consecutive sterilization methods/ Compatibilidades e incompatibilidades entre rayos gama y óxido de etileno como métodos sucesivos de esterilización

Souza, Rafael Queiroz de; Graziano, Kazuko Uchikawa
2010-12-01

Resumo em português A dúvida sobre a questão da re-esterilização de artigos confeccionados com cloreto de polivinila (PVC), esterilizados em radiação gama (RG) e posteriormente em óxido de etileno (EO) persiste até os dias atuais. Por meio da revisão integrativa da literatura, este artigo analisou estudos que evidenciaram compatibilidades e incompatibilidades entre os processos de esterilização com RG e EO quando utilizados como métodos sucessivos de esterilização. Foram analis (mais) ados 7 estudos. Constatou-se que há influência multifatorial na segurança do procedimento e que o método analítico da cromatografia empregado na maioria dos estudos produziu resultados controversos. Esse fato indica a necessidade da realização de novos estudos sobre o assunto, utilizando-se métodos analíticos mais sensíveis do que a cromatografia gasosa, como o teste de reatividade biológica em culturas celulares, que poderá dirimir em nosso meio a crônica dúvida da compatibilidade ou incompatibilidade de se esterilizar em EO materiais previamente gamairradiados. Resumo em espanhol La duda sobre la cuestión de la reesterilización de artículos confeccionados con policloruro de vinilo (PVC) esterilizados con Rayos Gamma (RG) y posteriormente en óxido de etileno (EO) persiste hasta la actualidad. A través de la revisión integradora de la literatura, este artículo analizó estudios que evidenciaron compatibilidades e incompatibilidades entre los procesos de esterilización con RG y EO, cuando se utilizan en forma sucesiva. Fueron analizados 7 est (mais) udios. Se constató que hay influencia multifactorial en la seguridad del procedimiento y que el método analítico de cromatografía empleado en la mayoría de los estudios generó resultados controversiales. Este hecho indica la necesidad de realizar nuevos estudios sobre el asunto, utilizando métodos analíticos más sensibles que la cromatografía gaseosa, tales como el test de reactividad biológica en cultivos celulares para dirimir en nuestro medio la crónica duda de la compatibilidad o incompatibilidad de esterilizar en EO materiales previamente irradiados con Rayos Gamma. Resumo em inglês The doubt regarding the re-sterilization of articles made of polyvinyl chloride (PVC) sterilized with gamma radiation (GR) and subsequently with ethylene oxide (EO) persists to date. Through a systematic literature review, this article analyzed studies that demonstrated compatibilities and incompatibilities between the sterilization processes with GR and EO, when used as consecutive sterilization methods. Seven studies were analyzed. It was verified that there is a multif (mais) actor influence regarding the safety of the procedure and that the chromatography analytical method employed by most studies yielded controversial results. This fact indicates the need for further studies on the issue, using more sensitive analytical methods than gas chromatography, such as the biological reactivity test in cell cultures, in an attempt to clarify the chronic doubt regarding the adequacy or inadequacy of sterilizing previously gamma-irradiated materials with EtO.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

16

Reação de coaglutinação estafilocócica na identificação de micoplasmas/ Staphylococcal coagglutination for mycoplasma identification

Timenetsky, Jorge; Curcio, Melissa
1993-12-01

Resumo em português A reação de coaglutinação estafilocócica foi utilizada como metodologia de identificação rápida de micoplasmas para ser aplicada em laboratórios não especializados. Amostras selvagens de micoplasmas isoladas de humanos, culturas celulares, ratos e camundongos foram identificados através da reação de coaglutinação estafilocócica utilizando-se do Staphylococcus aureus produtor de proteína A (amostra Cowan I) sensibilizado com anticorpo de coelho contra amos (mais) tra padrão micoplasma. Na identificação, os micoplasmas estavam em suspensão concentrada provenientes de 4,0 ml de cultivo. Quarenta e oito amostras de M.pulmonis, 6 de M. arthritidis, 8 de M.arginini, 3 de M.orale, 15 de A.laidlawii, 8 de M.hominis e 3 de M. pneumoniae foram identificadas pela coaglutinação estafilocócica e confirmadas pela inibição de crescimento. Parâmetros ótimos no preparo do conjugado e da reação de coaglutinação foram estabelecidos; o conjugado coaglutinante manteve-se estável por 90 dias quando adicionado com acetileisteína; a coaglutinação foi visualizada sem auxílio óptico. Os soros foram absorvidos com espécies padrões heterólogas e com o precipitado de caldo estéril. Resumo em inglês Staphylococcal Coagglutination was used as method for a rapid identification of mycoplasmas that could be performed by non specialized laboratories. Suspensions of Staphylococcus aureus (Cowan I) sensitized with rabbit antibodies against NCTC mycoplasma strains have identified these microorganisms and the strains isolated from humans, cell cultures rats and mice in concentrated suspensions from cultures of 4.0 ml. Fourty eight strains of M.pulmonis, 6 of M. arthritidis, 8 (mais) of M.arginini, 3 of M.orale, 15 of A.laidlawii, 8 of M.hominis and 3 of M.pneumomae were identified by staphylococcal coagglutination and confirmed by Growth Inhibition Test. Optimal parameters of coagglutination were established and the stability of the conjugates were preserved for 90 days when added with acetyl cistein. The reaction was visualized without optical resources. The sera were previously absorved with heterologous NCTC strains and with the pellet of the steril broth.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

17

Controle genético das células-tronco humanas cultivadas/ Genetic control of cultivated human stem cells

Payão, Spencer L. M.; Segato, Rosimeire; Santos, Ricardo R.
2009-05-01

Resumo em português As células-tronco apresentam uma alta capacidade de autorregeneração, assim como, um potencial de diferenciação em uma variedade de tipos celulares. Estas células podem ser classificadas como embrionárias e adultas. Apesar de apresentar propriedades de células-tronco, as mesenquimais apresentam um certo grau de dificuldade no estabelecimento das culturas, podendo induzir a perda da expressão da enzima responsável pela imortalização ou enzima telomerase. A enzi (mais) ma telomerase é considerada um relógio biológico, um indicador que a senescência celular irá se instalar inevitavelmente. A questão mais atual e intrigante dos pesquisadores é se o suposto potencial de divisão, por um determinado período de tempo, das células-tronco cultivadas poderia levar ao acúmulo de alterações genéticas e epigenéticas, resultando em um processo neoplásico. Daí a importância do papel da citogenética humana no controle e monitoramento das células-tronco cultivadas que serão utilizadas na terapia em seres humanos. Alterações cromossômicas estruturais, tais como deleções, translocações e inversões, representam um mecanismo importante pelo qual as células cancerígenas desenvolvem-se gradualmente, uma vez que estas alterações cromossômicas podem levar a uma expressão anormal de muitos genes, podendo desencadear assim o processo neoplásico. Resumo em inglês Stem cells have a high capacity of self-regeneration, as well as a potential to differentiate into several cell types. These cells can be classified as embryonic or adult. In spite of having inherent properties of stem cells, mesenchymal cells show a certain degree of difficulty to establish cultures. This might induce a loss of the expression of the telomerase enzyme which is considered to be a biological clock or an indicator of the senescence of the cells. The most cur (mais) rent and intriguing question for researchers is whether the presumed division potential of cultivated stem cells, over a period of time could result in an accumulation of genetic alterations and consequently, in a neoplastic process. For this reason, cytogenetic techniques are very important to guarantee the control and safety of cultivated stem cells to be used in human therapy. Structural chromosomal alterations, such as for example, deletions, translocations and inversions represent an important mechanism by which cells might gradually transform in a neoplastic process. Thus, these chromosomal alterations could result in an abnormal expression of the genes and lead to cancer.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

18

Calogênese e teores de fenóis e tatinos totais em barbatimão [stryphnodendron adstringens (mart.) coville]/ Callogenesis and contents of total phenols and tannins in barbatimão [Stryphnodendron adsrtingens (Mart.) Coville]

Castro, Ana Hortência Fonsêca; Paiva, Renato; Alvarenga, Amauri Alves de; Vitor, Stephania Maíra Machado
2009-04-01

Resumo em português Atualmente, culturas de células ou de suspensões celulares têm sido frequentemente empregadas para produzir fitoterápicos com maiores concentrações de princípios ativos. O barbatimão é uma importante espécie medicinal do Cerrado, com taninos nas cascas do caule. Objetivando-se induzir calos em barbatimão e avaliar os teores de fenóis e taninos totais, explantes foliares foram inoculados em meio MS suplementado com 30 g L-1 sacarose e acrescidos de 2,4-D (0; 4, (mais) 52; 9,05; 18,10 μM ) e BAP (0; 4,44; 8,88; 17,75 μM ), na presença e ausência de luz. A calogênese ocorreu em meios contendo 2,4-D, na presença de luz. O número de calos não variou com as concentrações de 2,4-D e maiores valores de matérias fresca e seca de calos e teores de fenóis totais foram observados em meios com 9,05 μM e 18,10 μM de 2,4-D, na presença e ausência de luz. Com BAP, a calogênese ocorreu na ausência de luz, com maior produção de calos na presença de 4,44 e 8,88 μM de BAP e maiores valores de matéria fresca e seca em meios com 4,44 μM de BAP. Calos crescidos em meios suplementados 4,44 e 17,75 μM de BAP apresentaram maiores teores de fenóis totais. Não se detectaram taninos, independente do regulador empregado. Resumo em inglês Recently, cell cultures and cell suspensions have been frequently employed to produce phytotherapics with high amounts of active principles. Barbatimão is a native species from the Cerrado, with tannins in the stem bark. In order to induce callus in barbatimão and evaluate the content of total phenols and tannins, leaf explants were inoculated on MS medium, supplemented with sucrose 30 g L¹ and 2,4-D (0, 4.52, 9.05, 18.10 μM ) and BA (0, 4.44, 8.88, 17.75 μM (mais) ), in the presence and absence of light. The callogenesis occurred on medium containing 2,4-D, in the presence of light. The callus number did not alter with the different concentrations of 2,4-D but higher values of dry and fresh matter of the callus and total phenol contents were observed in medium with 9.05 μM and 18.10 μM of 2,4-D, independently of the light treatment. In treatments with BA, the callogenesis occurred in the absence of light and higher callus induction was observed in medium supplemented with 4.44 and 8.88 μM BA in the absence of light and higher values of dry and fresh matter of the callus were observed in medium increased with 4.44 μM BA. Callus grown on medium supplemented with 4.44 and 17.75 μM BA showed higher total phenol content. Tannins were not detected independently of the regulator used.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

19

Expansão de células-tronco da medula óssea e do sangue de cordão umbilical humano/ Expansion of stem cells from bone marrow and human umbilical cord blood

Senegaglia, Alexandra C.; Rebelatto, Carmen L. K.; Suss, Paula H.; Brofman, Paulo R. S.
2009-05-01

Resumo em português Células-tronco/progenitoras frequentemente não estão disponíveis em quantidade suficiente para restauração de órgãos e tecidos danificados, sendo necessária sua expansão in vitro. Instalações físicas adequadas, pessoal técnico qualificado, reagentes de grau clínico e protocolos bem definidos de acordo com as condições de boas práticas de fabricação são imprescindíveis para assegurar a qualidade e segurança das células infundidas no paciente. A medu (mais) la óssea e o sangue de cordão umbilical ainda são as fontes de células mais utilizadas em terapias. Protocolos bem sucedidos de expansão utilizando células-tronco hematopoéticas, células-tronco mesenquimais e células progenitoras endoteliais já têm sido empregados em estudos pré-clínicos e clínicos. A escolha do tipo celular adequado deve ser direcionada pelo tamanho da lesão ou natureza do tecido tratado e pelo efeito terapêutico desejado. Estudos recentes têm demonstrado que propriedades de diferentes células expandidas in vitro podem ser combinadas para obtenção de um resultado melhor no tratamento de algumas doenças. Células em culturas de longo termo precisam ser acompanhadas por meio de diversas técnicas de citogenética clássica e molecular para demonstrar que não há evidências de transformação espontânea ou sinais de imortalização. Ensaios utilizando a infusão de células expandidas através da barreira alogeneica e xenogeneica, apresentaram melhora funcional e foram alcançados sem imunossupressão e sem evidências de infiltrados celulares que indicariam resposta imune. Porém, mais estudos precisam ser realizados para avaliar a imunogenicidade destas células e garantir a segurança da terapia celular alogênica permitindo sua consolidação no uso clínico. Aqui apresentamos uma atualização sobre expansão celular associada com seu uso clínico. Resumo em inglês Stem/progenitor cells are not frequently available in large enough amounts to repair damaged tissues and organs and so in vitro expansion is necessary. Appropriate facilities, qualified technicians, clinical-grade reagents and well defined protocols relating to good manufacturing products are essential to assure the quality and security of the cells injected in the patient. Bone marrow and human umbilical cord blood are still the best sources of cells for therapies. Succe (mais) ssful expansion protocols using hematopoietic stem cells, mesenchymal stem cells and endothelial progenitor cells have already been used in clinical and pre-clinical trials. Adequate cell choice should consider the extent of injury or nature of the damaged tissue and the desired therapeutic effect. Recent studies have demonstrated that properties of different in vitro expanded cells can be combined aiming to improve the outcome of the treatment of some diseases. Long-term cell cultures need to be followed up by classical and molecular cytogenetic techniques to demonstrate that there is no evidence of spontaneous transformation or signs of immortalization. Assays using expanded cell infusions across both xenogeneic and allogeneic transplant barriers showed functional improvement and were achieved without immunosuppression and without evidence of a cellular infiltrate that would indicate an immune response. However, more research needs to be performed to evaluate the immunogenicity of these cells and to guarantee the safety of allogeneic cell therapy, allowing consolidation of their clinical use. Here, we present an update regarding cellular expansion associated with their clinical use.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

20

Avaliação da resposta imune celular em pacientes com candidíase recorrente/ Evaluation of cellular immune response in patients with recurrent candidiasis

Carvalho, Lucas P.; Bacellar, Olívia; Neves, Nilma A.; Carvalho, Edgar M.; Jesus, Amélia R. de
2003-10-01

Resumo em português A candidíase recorrente cutânea ou mucosa é caracterizada pela ocorrência de, no mínimo, 4 episódios de candidíase no período de um ano. Não são conhecidos os fatores que levam à recorrência desta infecção. O presente estudo avaliou a resposta linfoproliferativa e a produção de IFN-g de pacientes com candidíase recorrente. Os índices de estimulação da resposta linfoproliferativa em culturas de células de pacientes com candidíase recorrente estimulada (mais) s com antígeno de Candida albicans, PPD e TT foram respectivamente de 6±8, 17±20 e 65±30. A adição de anticorpo monoclonal anti-IL-10 às culturas de células de 6 pacientes aumentou a resposta linfoproliferativa de 735±415 para 4143±1746 cpm. A produção de IFN-g em culturas de células estimuladas com antígeno de Candida, foi 162±345pg/ml. Pacientes com candidíase recorrente apresentam uma deficiência na resposta linfoproliferativa e na produção de IFN-g, podendo a resposta imune celular ao antígeno de Candida ser restaurada parcialmente através da neutralização da IL-10 in vitro. Resumo em inglês Recurrent cutaneous or mucosal candidiasis is characterized by the occurrence of at least four candidiasis episodes within a one-year period. The factors involved in recurrence of infection are still unknown. In the present study the lymphoproliferative response and the IFN-g production by candidiasis patients were evaluated. The stimulation index of mononuclear cell cultures of candidiasis patients stimulated with Candida albicans antigen, PPD and TT were 6±8, 17±20 an (mais) d 65±30, respectively. The addition of monoclonal antibody anti-IL-10 to Candida albicans antigen stimulated cultures raised the lymphoproliferative response from 735±415 to 4143±1746 cpm. The IFN-g production by cells of candidiasis patients stimulated with Candida albicans antigen was 162±345pg/ml. Candidiasis patients have an impairment in the lymphoproliferative response specific to C. albicans antigen and on IFN-g production and the lymphoproliferative response can be partially restored, in vitro, by IL-10 neutralization.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

21

Cultivo de células mesenquimais do sangue de cordão umbilical com e sem uso do gradiente de densidade Ficoll-Paque/ Blood mesenchymal stem cell culture from the umbilical cord with and without Ficoll-Paque density gradient method

Kawasaki-Oyama, Rosa Sayoko; Braile, Domingo Marcolino; Caldas, Heloisa Cristina; Leal, João Carlos Ferreira; Goloni-Bertollo, Eny Maria; Pavarino-Bertelli, Érika Cristina; Abbud Filho, Mário; Santos, Izaura dos
2008-03-01

Resumo em português OBJETIVOS: Implantação de técnicas de isolamento e cultivo de células-tronco mesenquimais do sangue de cordão umbilical humano, com e sem uso de gradiente de densidade Ficoll-Paque (d=1,077g/ml). MÉTODOS: Dez amostras de sangue de cordão umbilical humano de gestação a termo foram submetidas a dois procedimentos de cultivo de células-tronco mesenquimais: sem gradiente de densidade Ficoll-Paque e com gradiente de densidade. As células foram semeadas em frascos de (mais) 25cm² a uma densidade de 1x10(7)células nucleadas/cm² (sem Ficoll) e 1,0x10(6) células mononucleares/cm² (com Ficoll). As células aderentes foram submetidas a marcação citoquímica com fosfatase ácida e reativo de Schiff. RESULTADOS: No procedimento sem gradiente de densidade Ficoll, foram obtidas 2,0-13,0x10(7) células nucleadas (mediana=2,35x10(7)) e, no procedimento com gradiente de densidade Ficoll, foram obtidas 3,7-15,7x10(6) células mononucleares (mediana=7,2x10(6)). Em todas as culturas foram observadas células aderentes 24 horas após o início de cultivo. As células apresentaram morfologias fibroblastóides ou epitelióides. Na maioria das culturas houve proliferação celular nas primeiras semanas de cultivo, mas após a segunda semana, somente três culturas provenientes do método sem gradiente de densidade Ficoll-Paque mantiveram crescimento celular, formando focos confluentes de células. Essas culturas foram submetidas a várias etapas de tripsinização para espalhamento ou subdivisão e permaneceram em cultivo por períodos que variaram de dois a três meses. CONCLUSÃO: Nas amostras estudadas, o isolamento e cultivo de células-tronco mesenquimais do sangue de cordão umbilical humano pelo método sem gradiente de densidade Ficoll-Paque foi mais eficiente do que o método com gradiente de densidade Ficoll-Paque. Resumo em inglês OBJECTIVES: Implantation of cell separation and mesenchymal stem cell culture techniques from human umbilical cord blood with and without using the Ficoll-Paque gradient density method (d=1.077g/ml). METHODS: Ten samples of the umbilical cord blood obtained from full-term deliveries were submitted to two different procedures of mesenchymal stem cell culture: a) Method without the Ficoll-Paque density gradient, which concentrates all nucleated cells; b) Method with the Fic (mais) oll-Paque density gradient, which selects only low-density mononuclear cells. Cells were initially plated into 25 cm² cultures flasks at a density of 1x10(7) nucleated cells/cm² and 1x10(6) mononuclear cells/cm². RESULTS: It was obtained 2-13x10(7) (median = 2.35x10(7)) nucleated cells/cm² by the method without the Ficoll-Paque gradient density, and 3.7-15.7x10(6) (median = 7.2x10(6)) mononuclear cells/cm² by the method with the Ficoll-Paque gradient density. In all cultures adherent cells were observed 24 hours after being cultured. Cells presented fibroblastoid and epithelioid morphology. In most of the cultures, cell proliferation occurred in the first week, but after the second week only some cultures - derived from the method without the Ficoll-Paque gradient density - maintained the growth rate reaching confluence. Those cultures were submitted to trypsinization with 0.25% trypsin/EDTA solution and cultured for two to three months. CONCLUSION: In the samples analyzed, cell separation and mesenchymal stem cell culture techniques from human umbilical cord blood by the method without the Ficoll-Paque density gradient was more efficient than the method with the Ficoll-Paque density gradient.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

22

Estudo comparativo da susceptibilidade de linhagens de células diplóides humanas ao vírus da citomegalia (VCM)/ Comparative study of the susceptibility of human diploid cell strains to the cytomegalovirus

Stewien, Klaus Eberhard
1971-06-01

Resumo em português São apresentados os resultados de um estudo comparativo da susceptibilidade de diversas linhagens de células diplóides humanas (FH1, FH3, FH4, FH11 , FH13, FH14, FH16) ao vírus da citomegalia (VCM). Das linhagens referidas, tôdas se mostraram sensíveis aos vírus estudados, com exceção das linhagens FH3 e FH16; estas vieram mostrar o mesmo grau de susceptibilidade depois de várias sub-culturas, no momento em que o aspecto morfológico da camada celular passou de heterogêneo - células fibroblásticas e epiteliais - a homogêneo - células fibroblásticas. Resumo em inglês A comparative study of the susceptibility of different strains of human diploid cells (FH1, FH3, FH4, FH11, FH13, FH14, FH15) to cytomegalovirus disclosed a relation between the capacity of growing and producing a consistent cytophatic effect of human cytomegalovirus strains and the homogeneous characteristics of the tissue cultures. The cell strains FH3 and FH16 were insusceptible when fibroblasts and epithelial cells were present in the same culture. After a certain num (mais) ber of passages, when the fibroblastic characteristics of cells in the cultures was established, the cytophatic effect could be consistently observed.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

23

Estudo comparativo da susceptibilidade de linhagens de células diplóides humanas ao vírus da citomegalia (VCM)/ Comparative study of the susceptibility of human diploid cell strains to the cytomegalovirus

Stewien, Klaus Eberhard
1971-06-01

Resumo em português São apresentados os resultados de um estudo comparativo da susceptibilidade de diversas linhagens de células diplóides humanas (FH1, FH3, FH4, FH11 , FH13, FH14, FH16) ao vírus da citomegalia (VCM). Das linhagens referidas, tôdas se mostraram sensíveis aos vírus estudados, com exceção das linhagens FH3 e FH16; estas vieram mostrar o mesmo grau de susceptibilidade depois de várias sub-culturas, no momento em que o aspecto morfológico da camada celular passou de heterogêneo - células fibroblásticas e epiteliais - a homogêneo - células fibroblásticas. Resumo em inglês A comparative study of the susceptibility of different strains of human diploid cells (FH1, FH3, FH4, FH11, FH13, FH14, FH15) to cytomegalovirus disclosed a relation between the capacity of growing and producing a consistent cytophatic effect of human cytomegalovirus strains and the homogeneous characteristics of the tissue cultures. The cell strains FH3 and FH16 were insusceptible when fibroblasts and epithelial cells were present in the same culture. After a certain num (mais) ber of passages, when the fibroblastic characteristics of cells in the cultures was established, the cytophatic effect could be consistently observed.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

24

Alterações cromossômicas causadas pela radiação dos monitores de vídeo de computadores/ Chromosome abnormalities caused by computer video display monitors' radiation

Estécio, Marcos Roberto Higino; Silva, Ana Elizabete
2002-06-01

Resumo em português OBJETIVO: Em decorrência dos questionamentos sobre o efeito deletério das radiações emitidas pelo campo eletromagnético (CEM) dos tipos ELF (extremely low frequency) e VLF (very low frequency) transmitidas pelos monitores de vídeo dos computadores (CRT), foi avaliada a freqüência de anomalias cromossômicas estruturais e a cinética do ciclo celular em indivíduos expostos por seu trabalho à radiação dos CRT. MÉTODOS: A pesquisa de aberrações cromossômicas (mais) foi realizada em 2.000 metáfases de primeira divisão celular obtidas de culturas de 48h de linfócitos de sangue venoso periférico de dez indivíduos expostos ao CRT (grupo E) e de dez controles (grupo C). A cinética do ciclo celular foi pesquisada pelos índices mitótico (IM) e de proliferação celular (IPC). RESULTADOS: A análise estatística evidenciou freqüências significativamente maiores de metáfases com anomalias cromossômicas (E=5,9%; C=3,7%) e anomalias/célula (E=0,066±0,026; C=0,040±0,026) nos indivíduos expostos aos CRTs. As alterações citogenéticas mais comuns foram as quebras cromatídicas, com freqüência de 0,034±0,016 no grupo E e de 0,016±0,015 no grupo C. As freqüências de IM e IPC não apresentaram diferenças significantes entre os grupos avaliados. CONCLUSÕES: Os resultados sugerem um efeito genotóxico do CEM emitido pelos CRTs devido à freqüência mais elevada de quebras cromatídicas, enfatizando a necessidade de haver um número maior de estudos com diferentes técnicas que vise a investigar a ação do CEM sobre o material genético. Resumo em inglês OBJECTIVE: Concerns were raised about the potential damaging effects of electromagnetic field (EMF) radiation emissions of ELF (extremely low frequency) and VLF (very low frequency) computer video display monitors (VDM), it was assessed the frequency of structural chromosome abnormalities and investigated the cell cycle kinetics in individuals occupationally exposed to VDM radiation. METHODS: Chromosome aberrations were investigated in 2,000 first cell cycle metaphases ob (mais) tained after 48-hour cultures of peripheral blood lymphocytes drawn from 10 individuals occupationally exposed to VDM radiation (group E) and 10 controls (group C). Cell cycle kinetics was studied using the mitotic index (MI) and cellular proliferation index (CPI). RESULTS: Statistical analysis showed significantly higher frequencies of anomalous metaphases (E=5.9%; C=3.7%) and anomaly/cell (E=0.066±0.026; C= 0.040±0.026) in individuals exposed to VDM radiation. The most common cytogenetic alterations seen were chromatid breaks at frequencies of 0.034±0.016 in group E and 0.016±0.015 in group C. There was no significant difference between MI and CPI frequencies in both groups. CONCLUSIONS: The study findings suggest genotoxic effects of EMF emissions revealed by the higher frequency of chromatid breaks in individuals exposed to VDM radiation. However, there is a need of further studies on EMF genetic effects using other investigation methods.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

25

Alterações cromossômicas causadas pela radiação dos monitores de vídeo de computadores/ Chromosome abnormalities caused by computer video display monitors' radiation

Estécio, Marcos Roberto Higino; Silva, Ana Elizabete
2002-06-01

Resumo em português OBJETIVO: Em decorrência dos questionamentos sobre o efeito deletério das radiações emitidas pelo campo eletromagnético (CEM) dos tipos ELF (extremely low frequency) e VLF (very low frequency) transmitidas pelos monitores de vídeo dos computadores (CRT), foi avaliada a freqüência de anomalias cromossômicas estruturais e a cinética do ciclo celular em indivíduos expostos por seu trabalho à radiação dos CRT. MÉTODOS: A pesquisa de aberrações cromossômicas (mais) foi realizada em 2.000 metáfases de primeira divisão celular obtidas de culturas de 48h de linfócitos de sangue venoso periférico de dez indivíduos expostos ao CRT (grupo E) e de dez controles (grupo C). A cinética do ciclo celular foi pesquisada pelos índices mitótico (IM) e de proliferação celular (IPC). RESULTADOS: A análise estatística evidenciou freqüências significativamente maiores de metáfases com anomalias cromossômicas (E=5,9%; C=3,7%) e anomalias/célula (E=0,066±0,026; C=0,040±0,026) nos indivíduos expostos aos CRTs. As alterações citogenéticas mais comuns foram as quebras cromatídicas, com freqüência de 0,034±0,016 no grupo E e de 0,016±0,015 no grupo C. As freqüências de IM e IPC não apresentaram diferenças significantes entre os grupos avaliados. CONCLUSÕES: Os resultados sugerem um efeito genotóxico do CEM emitido pelos CRTs devido à freqüência mais elevada de quebras cromatídicas, enfatizando a necessidade de haver um número maior de estudos com diferentes técnicas que vise a investigar a ação do CEM sobre o material genético. Resumo em inglês OBJECTIVE: Concerns were raised about the potential damaging effects of electromagnetic field (EMF) radiation emissions of ELF (extremely low frequency) and VLF (very low frequency) computer video display monitors (VDM), it was assessed the frequency of structural chromosome abnormalities and investigated the cell cycle kinetics in individuals occupationally exposed to VDM radiation. METHODS: Chromosome aberrations were investigated in 2,000 first cell cycle metaphases ob (mais) tained after 48-hour cultures of peripheral blood lymphocytes drawn from 10 individuals occupationally exposed to VDM radiation (group E) and 10 controls (group C). Cell cycle kinetics was studied using the mitotic index (MI) and cellular proliferation index (CPI). RESULTS: Statistical analysis showed significantly higher frequencies of anomalous metaphases (E=5.9%; C=3.7%) and anomaly/cell (E=0.066±0.026; C= 0.040±0.026) in individuals exposed to VDM radiation. The most common cytogenetic alterations seen were chromatid breaks at frequencies of 0.034±0.016 in group E and 0.016±0.015 in group C. There was no significant difference between MI and CPI frequencies in both groups. CONCLUSIONS: The study findings suggest genotoxic effects of EMF emissions revealed by the higher frequency of chromatid breaks in individuals exposed to VDM radiation. However, there is a need of further studies on EMF genetic effects using other investigation methods.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

26

Meningite neutrofílica persistente em paciente com Síndrome de Imunodeficiência Adquirida

Marinho, Sonia Fontes; Paciullo, Vera Helena Adensohn; Fonseca, Marise Oliveira; Khoury, Zarifa; Yamin, Mariângela Alvarez; Minkoves, Ricardo; Andrade, Mônica Oliveira Santos Ramos; Cavallari, Marta Musa
1997-06-01

Resumo em português A meningite neutrofílica persistente é raramente diagnosticada e é caracterizada pelo predomínio neutrofílico na contagem diferencial do número de leucócitos nas amostras de líquido cefalorraquidiano retiradas após sete dias de tratamento adequado. O paciente aqui descrito é soropositivo para o HIV, apresentou febre e confusão mental durante 4 meses e pleocitose neutrofílica na análise liquórica por mais 5 meses. Foi tratado desde o início com tuberculostá (mais) ticos. Durante três meses as reações imunológicas, as culturas e as pesquisas diretas foram negativas. No sexagésimo dia de internação, a pesquisa de bacilo álcool-ácido resistente (BAAR) no líquor foi positiva e a cultura confirmou a presença de Mycobacterium tuberculosis resistente à isoniazida. Vários fatores podem provocar esta evolução incomum. O comprometimento da imunidade celular, principalmente na liberação de citocinas pró-inflamatórias como a IL 8 e o FNT. O uso concomitante de medicações que poderiam alterar a concentração liquórica dos tuberculostáticos e o aparecimento crescente de cepas multirresistentes foram discutidos. Resumo em inglês Persistent neutrophilic meningitis is rarely found and it is characterized by predominance of the number of neutrophilus in samples of C SF (cerebrospinal fluid) from the patient after seven days of treatment. The above patient in HIV positive; he has developed fever and mental disorder for 4 months and has presented neutrophilic pleocytosis in analysis of CSF for more than 5 months. Since the beginning or the treatment he has taken antituberculous drugs and corticosteroi (mais) ds. For 3 months, the serologic avaliation, smears and cultures were negative. On the 60th. day in hospital, the investigation of acid-fast bacilli in CSF was positive and culture confirmed the presence of Mycobacterium tuberculosis resistant to isoniazid. Several factors that may have caused this uncommon development were discussed: the disturbance of cell-mediated immunity, mainly in realse of IL 8 and TNF, the simultaneous use of medicines that could alter the CSF concentration of antituberculous drugs, and the increasing number of multiresistant strains.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

27

Comportamento celular e resposta antioxidante diferenciados de Saccharomyces cerevisiae e de Saccharomyces chevalieri ao metavanadato de amónio/ Different cellular behaviour and antioxidant response of Saccharomyces cerevisiae and Saccharomyces chevalieri growing in presence of ammonium metavanadate

Ferreira, R.; Alves-Pereira, I.; Magriço, S.; Ferraz-Franco, C.
2007-01-01

Resumo em português A fermentação do vinho é um processo microbiológico complexo que requere a presença de leveduras adaptadas a condições de stresse. No ambiente celular de organismos aeróbios ocorrem naturalmente espécies reactivas de oxigénio (ROS) como subprodutos da respiração mitocondrial. A elevada reactividade destas espécies químicas pode gerar danos moleculares que, em alguns casos, levam à morte celular. Em condições fisiológicas normais ou como resposta ao stres (mais) se oxidativo, a célula pode desencadear respostas adaptativas que envolvem mecanismos antioxidantes como os enzimas glutationo redutase (GR; EC 1.6.4.2) e catalases T (CAT T; EC 1.11.1.6) e A (CAT A; EC 1.11.1.6). O vanádio, um metal pesado presente em alguns fitofármacos, pode também com portar-se como um gerador de ROS, alterando o estado redox intracelular e exercendo efeitos nocivos em leveduras expostas a quantidade excessiva deste elemento. O principal objectivo deste trabalho foi comparar o efeito do metavanadato de amónio (NH4VO3), um sal pentavalente de vanádio, na viabilidade celular e nas actividades enzimáticas GR, CAT T e CAT A das leveduras vínicas Saccharomyces cerevisiae UE-ME3 e Saccharomyces chevalieri UE-ME1. Os resultados obtidos mostram que S. chevalieri UE-ME1 revelou menor tolerância ao NH4VO3 do que S. cerevisiae UE-ME3, uma vez que culturas de S. chevalieri não sobreviveram para valores de concentração do sal de vanádio superiores a 7,5 mM enquanto que células de S. cerevisiae mantiveram-se viáveis em presença de metavanadato de amónio 75 mM. As actividades enzimáticas estudadas apresentaram em S. chevalieri valores muito inferiores aos que foram determinados em S. cerevisiae embora em ambas as espécies de levedura o NH4VO3 pareça comportarse como um indutor de stresse oxidativo ao provocar um decréscimo significativo da actividade GR (P Resumo em inglês The fermentation of wine is a complex microbiological process which requires yeast adaptation to stress conditions. In the cellular environment of aerobic organisms naturally reactive oxygen species (ROS) occurs as by-products of mitochondrial respiration. The higher reactivity of these chemical species could cause molecular damages that in several cases induce cellular death. In common physiological conditions or as response to oxidative stress, the cell can generate ada (mais) pted responses which involve antioxidants mechanisms as glutathione reductase (GR; EC 1.6.4.2) and catalase T (CAT T; EC 1.11.1.6) and A (CAT A; EC 1.11.1.6) enzymes. Vanadium, a heavy metal present in several pesticides could generate ROS changing the intracellular redox state and cause deleterious effects in yeasts exposed to higher levels of this element. The main objective of this work was to compare the effects of ammonium metavanadate (NH4VO3), a pentavalent salt of vanadium on cellular viability and GR, CAT T and CAT A activities of wine yeast Saccharomyces cerevisiae UE-ME3 and Saccharomyces chevalieri UE-ME1. The results obtained show that S. chevalieri UE-ME1 has lower tolerance to NH4VO3 than S. cerevisiae UE-ME3, since S. chevalieri cultures do not survive to concentration values of ammonium metavanadate higher than 7,5 mM, whereas S. cerevisiae cells are still viable in the presence of 75 mM. S. chevalieri has an enzymatic activity lower than S. cerevisiae, although for both yeast species NH4VO3 could behave as oxidative stress inductor, causing a significant decrease of GR activity (P

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

28

Efeitos da lipoproteína LDL-oxidada sobre a proliferação e a motilidade espontânea in vitro de células endoteliais de artérias coronárias humanas/ Effects of oxidized LDL on in vitro proliferation and spontaneous motility of human coronary artery endothelial cells

Xavier, Hermes Toros; Abdalla, Dulcinéia Saes Parra; Martinez, Tania Leme da Rocha; Ramires, José Antonio Franchini; Gagliardi, Antonio Ricardo de Toledo
2004-12-01

Resumo em português OBJETIVO: Investigar os efeitos de baixas concentrações de LDL oxidada (LDL-ox) sobre a proliferação e a motilidade espontânea de células endoteliais de artérias coronárias humanas (CEACH) em cultura. MÉTODOS: Culturas de CEACH foram tratadas com baixas concentrações de LDL nativa (LDLn), isolada de plasma humano, e com LDL minimamente oxidada por diferentes métodos químicos, e os efeitos, comparados entre si. RESULTADOS: LDLn não apresentou efeitos deletér (mais) ios sobre o endotélio em proliferação e na motilidade in vitro de CEACH, porém na mais alta concentração e por tempo mais prolongado inibiu a proliferação celular. As LDL-ox, quimicamente, pela espermina nonoato (ENO) e 3-morfolinosidnonimina (SIN-1) expressaram efeitos inibitórios significativos sobre a proliferação e a motilidade in vitro de CEACH proporcionais às maiores concentrações e graus de oxidação das LDL. CONCLUSÃO: LDL-ox apresenta efeito citotóxico, inibindo a proliferação e a motilidade espontânea de células endoteliais de artérias coronárias humanas em cultura, proporcionalmente à concentração e ao grau de oxidação da LDL, enquanto, LDL nativa é relativamente inócua. Resumo em inglês OBJECTIVE: To investigate the effects of low concentrations of oxidized LDL (oxLDL) on the proliferation and spontaneous motility of human coronary artery endothelial cells (HCAEC) in culture. METHODS: Cultures of HCAEC were treated with low concentrations of native LDL (nLDL) isolated from human plasma and with LDL minimally oxidized through different chemical methods; the effects were compared. RESULTS: Native LDL had no deleterious effects on in vitro proliferation and (mais) motility of HCAEC; however, at its highest concentration and for a longer exposure, nLDL inhibited cell proliferation. The LDL chemically oxidized by spermine nonoate (SNO) and 3-morpholinylsydnonimine (SYN-1) had significant inhibiting effects on in vitro proliferation and motility of HCAEC, which were proportional to the greatest concentrations and degrees of oxidation of LDL. CONCLUSION: OxLDL has a cytotoxic effect, inhibiting the proliferation and spontaneous motility of HCAEC in culture. This effect is proportional to the concentration and degree of oxidation of LDL; native LDL is relatively innocuous.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

29

O surto de peste suína africana ocorrido em 1978 no município de Paracambi, Rio de Janeiro/ The outbreak of African swine fever which ocurred in 1978 in the county of Paracambi, Rio de Janeiro, Brazil

Tokarnia, Carlos Hubinger; Peixoto, Paulo Vargas; Döbereiner, Jürgen; Barros, Severo Sales de; Riet-Correa, Franklin
2004-12-01

Resumo em português Em função das dúvidas que ainda perduram 25 anos após a ocorrência do surto de peste suína africana (PSA), em Paracambi, Estado do Rio de Janeiro, Brasil, em 1978, são apresentados os resultados, relativos a este foco, obtidos pelos estudos epidemiológico, clínico-patológico, virológico, bacteriológico e ultra-estrutural dos casos naturais, bem como os relativos à reprodução experimental da doença no Brasil e sua confirmação por isolamento e determinaç� (mais) �o de patogenicidade realizada no Plum Island Animal Disease Center, New York, EUA. Os animais se infectaram pela ingestão de restos de comida de aviões procedentes de Portugal e da Espanha, países nos quais a doença existia. De acordo com publicação do Ministério da Agricultura, após o diagnóstico do surto de PSA descrito neste trabalho, 223 novos focos foram relatados, entre 1978 e 1979, em todas Regiões do país (Norte, Nordeste, Centro-Oeste, Sudeste e Sul) e focos adicionais em 1981, sem informações exatas referentes ao seu número. O último caso foi relatado em 15 de novembro de 1981, e em 5 de dezembro 1984 o Brasil foi declarado livre da PSA. Para o diagnóstico da PSA foram processadas 54.002 amostras no Departamento de Virologia do Instituto de Microbiologia da Universidade Federal do Rio de Janeiro, no período de 1978 a 1981. No processamento das amostras foram usadas as técnicas de hemadsorção em cultura de leucócitos (HAd), imunoflorescência em cortes de tecido (FATS), imunoflorescência em cultivo celular (FATCC), imuno-eletrosmoforese (IEOP) e imunoflorescência indireta (IIF). Somente 4 amostras foram positivas pela técnica de FATCC, a única das provas que inclui o isolamento viral; não é mencionada a procedência dessas amostras, mas provavelmente trata-se das amostras oriundas de Paracambi. Com base na análise de todos os dados publicados sobre o tema, na possível ocorrência de falso-positivos, na falta de informações sobre isolamento e caracterização do virus, bem como na ausência de dados sobre epidemiologia, sinais clínicos e patologia nesses outros supostos focos, pode-se concluir que o surto de Paracambi constitui a única ocorrência de PSA no Brasil, comprovada por isolamento, identificação do vírus e determinação de sua patogenicidade, e que a doença manteve-se confinada a esse local, provavelmente em função do diagnóstico precoce e da rápida adoção de eficientes medidas de controle pelas autoridades sanitárias; o abate dos suínos desse rebanho iniciou-se 10 dias depois da primeira morte e 3 dias após o diagnóstico presuntivo. Resumo em inglês Due to doubts which still persist 25 years after the outbreak of African swine fever (ASF) which ocurred in the county of Paracambi, Rio de Janeiro, Brazil, in 1978, the results obtained through the studies to establish and confirm the diagnosis are presented. These include data on the epidemiology, clinic-pathological aspects, bacteriological, virological and ultramicroscopic examinations, the experimental reproduction of the disease and cross immunity tests with classic (mais) al swine fever virus performed in Brazil, and on the confirmation with isolation of the virus and determination of its identity at the Plum Island Animal Disease Center, New York, USA. The pigs of the affected herd had been fed untreated remains of meals from airplanes of international lines flying to Brazil from Portugal and Spain where ASF was occurring at the time. According to publication by the Ministry of Agriculture, after the diagnosis of the outbreak of ASF described in this paper, 223 additional outbreaks were reported in Brazil between 1978 and 1979, in all the Brazilian regions (North, Northeast, Central-West, Southeast and South). Further outbreaks were reported in 1981, but their number is not known. The last case was reported to have occurred on November 15, 1981, and on December 5, 1984, Brazil was declared free of ASF. For the diagnosis of ASF 54,002 samples were examined by the Department of Virology of the Institute of Microbiology, Federal University of Rio de Janeiro, from 1978 to 1981, by the techniques of haemadsorption in leucocyte cultures (HAd), direct immunoflorescence in tissue sections (FATS), direct immunoflorescence in cell cultures (FATCC), immuno-electro-osmophoresis (IEOP) and indirect immunoflorescence assay (IIF). Only 4 samples were positive with the FATCC procedure. This is the only technique which includes virus isolation; the origin of these positive samples was not reported, but probably they were from the Paracambi outbreak. From other suspected outbreaks of ASF in Brazil there is no information on the isolation and characterization of the virus isolates. Likewise there is no information available about the epidemiology, clinical signs, and pathology of suspected ASF in other outbreaks. The analysis of all published data on this matter in Brazil, the possibility of false-positive results, the lack of information about isolation and characterization of the virus, as well as the lack of epidemiological, clinical and pathological data of these other supposed outbreacs of ASF strongly suggest that the outbreak of Paracambi was the only occurrence of ASF in Brazil, confirmed by the isolation, identification of the virus, and the determination of its pathogenicity, and that ASF occurred and maintained itself confined to this area probably due to the early diagnosis and the rapid application of efficient control measures by the Brazilian authorities; the slaughter of the animals in the outbreak of Paracambi started as soon as 10 days after the first death, 3 days after the presumptive diagnosis.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

30

Suscetibilidade de linhagens celulares e cultivos primários ao Neospora caninum/ Susceptibility of cell lines and primary cell cultures to Neospora caninum

Cadore, Gustavo Cauduro; Vogel, Fernanda Silveira Flores; Flores, Eduardo Furtado; Sangioni, Luis Antônio; Camillo, Giovana
2009-08-01

Resumo em português O Neospora caninum é um protozoário de ampla distribuição e grande importância na bovinocultura, principalmente pelas perdas reprodutivas que produz. Cultivos celulares são utilizados para o isolamento e a multiplicação do agente in vitro, com diversas finalidades. Este trabalho teve como objetivo avaliar a suscetibilidade de diferentes cultivos celulares à infecção pelo N. caninum. Dentre oito cultivos testados, quatro apresentaram boa susceptibilidade ao N. c (mais) aninum: células VERO (produção de 21,2 taquizoítos/célula), MA-104 (17,1), cultivo primário de testículo (16,3) e pulmão bovino (13,6). Cultivo primário de rim bovino (8,2), células MDBK (5,1) e RK-13 (0,4) apresentaram baixa sensibilidade, enquanto células MDCK não produziram taquizoítos viáveis. Os resultados obtidos demonstram que as células MA-104 apresentaram suscetibilidade semelhante a das células VERO - linhagem tradicionalmente utilizada para o cultivo desse protozoário. Pela maior facilidade de cultivo, rápida multiplicação, menor exigência nutricional e produção de taquizoítos em níveis semelhantes às células VERO, as células MA-104 demonstraram ser adequadas para a manutenção e multiplicação do N. caninum in vitro. Resumo em inglês Neospora caninum is a protozoan of wide distribution and great importance to the cattle industry, mainly due to its associated reproductive losses. Cultured cells are widely used for isolation and multiplication of the agent in vitro with several purposes. Thus, this study aimed to evaluate the susceptibility of different cell cultures to infection by N. caninum. Among the cell cultures tested, four presented good susceptibility to the agent: cell lines VERO (yield of 21. (mais) 2 taquizoites/cell) and MA-104 (17.1); primary bovine testicle (16.3) and lung cells (13.6). Primary bovine kidney (8.2 taquizoites/cell), MDBK (5.1) and RK-13 cell lines (0.4) presented moderate to low sensitivity. No viable taquizoites were detected in the culture of MDCK cells. These results demonstrate that MA-104 cells present adequate susceptibility to N. caninum compared to VERO cells, which have been largely used to multiply the parasite in vitro. Together with its easy manipulation, fast multiplication and relatively low nutritional requirements, these results indicate that MA-104 cells are adequate for multiplication of N. caninum in vitro.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

31

Suscetibilidade da linhagem de células Vero a cepas vacinais do vírus do sarampo/ Susceptibility of Vero cell line to vaccine strains of the measles virus

Takata, Célia Sayoko; Kubrusly, Flávia Saldanha; Miyaki, Cosue; Mendes, Inácio França; Rizzo, Edda de
1994-06-01

Resumo em português A suscetibilidade da linhagem de células Vero ao vírus do sarampo é bem conhecida e sua utilização no controle da potência da vacina contra o sarampo é amplamente difundida. Com o objetivo de comparar a suscetibilidade de células Vero empregadas em titulações, amostras provenientes de dois laboratórios controladores (Vero IB e Vero INCQS), foram testadas frente a três cepas vacinais: Moraten, Schwarz e Biken CAM-70. Foram titulados 72 lotes de vacinas contra o (mais) sarampo, sendo 25 produzidos com a cepa Moraten, 24 com a cepa Schwarz e 23 com a cepa Biken CAM-70. A análise estatística dos resultados obtidos nas titulações, feita através dos testes Limites para uma Média e "t" de Student, mostrou que para as cepas Moraten e Biken CAM-70, as diferenças de títulos não foram estatisticamente significantes, o mesmo não ocorrendo com a cepa Schwarz, para a qual as células Vero IB se mostraram mais sensíveis. Resumo em inglês Vero cells used by distinct measles vaccine control laboratories had their susceptibility to Moraten, Schwarz and Biken CAM-70 vaccine strains assayed. Of a total of 72 lots of measles vaccine whose potency was titrated by microtechnique in two Vero cell samples (Vero IB and Vero INCQS), 25 had been produced with Moraten strain, 24 with Schwarz and 23 with Biken CAM-70. The statistical analysis of the results demonstrated that both Vero cells assayed presented comparable (mais) susceptibility to Moraten and Biken CAM-70 strains. As to the Schwarz strain, Vero IB cells were more susceptible than the other cell sample tested, thus confirming the existence of different sensitivities of Vero cells to some measles vaccine strains, or even to viruses derived from the same strain but with different passage histories. An altered cell susceptibility to virus replication may significantly alter the results in potency testing. Such alteration may be caused not only by the adoption of distinct protocols for the maintenance of cell cultures by different control laboratories but also by the methodology followed in the vaccine titration. In order to minimize the differences existing among the results obtained in the potency testing, it is suggested that all control laboratories should use the same protocols for cell culture maintenance as well as for vaccine potency testing.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

32

Suscetibilidade da linhagem de células Vero a cepas vacinais do vírus do sarampo/ Susceptibility of Vero cell line to vaccine strains of the measles virus

Takata, Célia Sayoko; Kubrusly, Flávia Saldanha; Miyaki, Cosue; Mendes, Inácio França; Rizzo, Edda de
1994-06-01

Resumo em português A suscetibilidade da linhagem de células Vero ao vírus do sarampo é bem conhecida e sua utilização no controle da potência da vacina contra o sarampo é amplamente difundida. Com o objetivo de comparar a suscetibilidade de células Vero empregadas em titulações, amostras provenientes de dois laboratórios controladores (Vero IB e Vero INCQS), foram testadas frente a três cepas vacinais: Moraten, Schwarz e Biken CAM-70. Foram titulados 72 lotes de vacinas contra o (mais) sarampo, sendo 25 produzidos com a cepa Moraten, 24 com a cepa Schwarz e 23 com a cepa Biken CAM-70. A análise estatística dos resultados obtidos nas titulações, feita através dos testes Limites para uma Média e "t" de Student, mostrou que para as cepas Moraten e Biken CAM-70, as diferenças de títulos não foram estatisticamente significantes, o mesmo não ocorrendo com a cepa Schwarz, para a qual as células Vero IB se mostraram mais sensíveis. Resumo em inglês Vero cells used by distinct measles vaccine control laboratories had their susceptibility to Moraten, Schwarz and Biken CAM-70 vaccine strains assayed. Of a total of 72 lots of measles vaccine whose potency was titrated by microtechnique in two Vero cell samples (Vero IB and Vero INCQS), 25 had been produced with Moraten strain, 24 with Schwarz and 23 with Biken CAM-70. The statistical analysis of the results demonstrated that both Vero cells assayed presented comparable (mais) susceptibility to Moraten and Biken CAM-70 strains. As to the Schwarz strain, Vero IB cells were more susceptible than the other cell sample tested, thus confirming the existence of different sensitivities of Vero cells to some measles vaccine strains, or even to viruses derived from the same strain but with different passage histories. An altered cell susceptibility to virus replication may significantly alter the results in potency testing. Such alteration may be caused not only by the adoption of distinct protocols for the maintenance of cell cultures by different control laboratories but also by the methodology followed in the vaccine titration. In order to minimize the differences existing among the results obtained in the potency testing, it is suggested that all control laboratories should use the same protocols for cell culture maintenance as well as for vaccine potency testing.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

33

Surto de varíola murina em camundongos suíços em biotério: Relato de caso/ An outbreak of mousepox in swiss mice in a laboratory animal facility: Case report

Diniz, S.; Trindade, G.S.; Fonseca, F.G.; Kroon, E.G.
2001-04-01

Resumo em português Duzentos camundongos suíços foram alojados em um biotério com instalações e condições de manejo adequadas para uma criação de animais convencionais sadios. Após 14 dias de alojamento, dois animais tiveram morte súbita, e em 74 animais (37%) foram observados sintomas clínicos como edema da face e das patas. Uma semana após foram observadas lesões generalizadas na pele ou somente no dorso, na face, no focinho e nas patas, nódulos na cauda, e em cinco animais (mais) conjuntivite. A necropsia de 10 camundongos indicou alterações como hepatomegalia, esplenomegalia e hiperplasia dos gânglios. Amostras do fígado, baço e de lesões da cauda foram inoculadas em membrana corioalantóide (MCA) de ovos embrionados de galinha. Após 72 horas foram detectadas lesões necróticas típicas denominadas "pocks". As MCAs foram maceradas e inoculadas em culturas de células Vero e detectado efeito citopático após 72 horas. O diagnóstico da varíola murina foi baseado nos sinais clínicos, lesões, cultivo e na identificação do vírus. Resumo em inglês Two hundred Swiss mice were housed following the requirements to produce healthy laboratory animals. After 14 days two mice had an acute lethal infection and one week later 74 animals (37%) presented multiple skin lesions some of them associated with conjunctivitis. Necropsy of 10 mice with clinical signs (swelling of feet and facial area) revealed alterations in the spleen, liver and lymphonodes. Samples of hepatic and splenic tissues and of tail lesions were inoculated (mais) on chorioallantoic membrane (MCA) of embrionated chicken eggs and pocks lesions were detected. The MCAs were grinded and inoculated in Vero cell cultures and the cytophatic effect was detected after 72 hours. Diagnosis of mousepox was based on clinical signs, lesions and virus isolation and identification.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

34

Soroneutralização e imunofluorescência utilizando anticorpos monoclonais no diagnóstico rápido de infecções pelo herpesvírus bovino tipos 1 e 5 (BHV-1 e BHV-5)/ Serum neutralizing and fluorescent antibody assays using monoclonal antibodies in rapid diagnostic tests for bovine herpesvirus types 1 (BHV-1) and 5 (BHV-5) infections

Kunrath, Cintia Farias; Vogel, Fernanda Silveira Flores; Oldoni, Ivomar; Flores, Eduardo Furtado; Weiblen, Rudi; Dezengrini, Renata; Torres, Fabrício Dias; Pan, Kleitton Adolfo
2004-12-01

Resumo em português Anticorpos monoclonais (AcMs) produzidos com uma amostra brasileira do herpesvírus bovino tipo 5 (BHV-5) foram utilizados na adaptação e padronização de técnicas rápidas para o diagnóstico de infecções pelo BHV-1 e BHV-5. A detecção de antígenos virais por imunofluorescência em células descamativas (IFCD) foi comparada com o isolamento viral, em secreções nasais de 16 bezerros, sendo 6 inoculados com o BHV-1 e 10 com o BHV-5. De 203 amostras testadas, 182 (mais) (89,6%) apresentaram resultados concordantes nos dois testes (143 positivas; 39 negativas). Comparando-se com o isolamento, a IFCD apresentou sensibilidade de 96,6%, especificidade de 70,9%, e precisão de 89,6%. Os AcMs também foram utilizados para detectar antígenos do BHV-5 em impressões frescas do cérebro de bezerros acometidos de enfermidade neurológica e em células de cultivo utilizadas na técnica de soroneutralização (SN), permitindo a obtenção dos resultados em 24 horas. A técnica, denominada de soroneutralização rápida (SNR), apresentou sensibilidade de 97,3%; especificidade de 95,5% e precisão de 96,2% em comparação com a SN tradicional; e sensibilidade de 94,7%, especificidade de 97,3% e precisão de 96,1% em comparação com um ELISA comercial. Esses resultados demonstram que esses AcMs podem ser muito úteis para uso em técnicas rápidas de diagnóstico de infecções suspeitas de BHV-1 ou de BHV-5, sobretudo em situações de surto, quando a tomada de decisões adequadas depende de um diagnóstico rápido e confiável. Resumo em inglês Monoclonal antibodies (mAbs) produced to a Brazilian isolate of bovine herpesvirus type 5 (BHV-5) were used to standardize rapid tests for the diagnostic of BHV-1 and BHV-5 infections. The detection of viral antigens by immunofluorescence in descamative cells (IFDC) was compared to virus isolation in nasal secretions of 16 calves inoculated with BHV-1 (n=6) or BHV-5 (n=10). One hundred and sixty two out of 203 specimens (89.6%) had identical results in both assays (143 po (mais) sitive; 39 negative); the IFDC assay showing a sensitivity of 96.6%, specificity of 70.9% and precision of 89.6%. The mAbs were also used to detect BHV-5 antigens in fresh brain smears of calves from outbreaks of neurological disease; and in cell cultures used in a virus neutralizing (VN) test, allowing the obtention of results in 24 hours. The rapid virus neutralizing test (RVN) showed a sensitivity of 97.3%, specificity of 95.5% and precision of 96.2% comparing to the standard VN test; and a sensitivity of 94.7%, specificity of 97.3% and precision of 96.1% as compared to a commercial ELISA. These results demonstrate that these mAbs are useful in rapid diagnostic tests, which may be very important in field outbreaks, when taking adequate decisions depends on rapid and reliable diagnostic tests.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

35

Pseudomonas savastanoi triggers the hypersensitive response of Olea europaea var. Galega Vulgar suspension cell cultures

Cruz, A. Braga da; Tavares, R. M.

Apresentação efectuada no XIV Congresso da Sociedade Portuguesa de Bioquímica, Vilamoura, Portugal, 2004 The bacteria Pseudomonas savastanoi is a natural pathogen of Olea europaea L., and is responsible for the olive knot, a disease that seriously affects productivity of Portuguese olive orchards. In...

DRIVER (Portuguese)

36

Produção de metabólitos secundários em cultura de células e tecidos de plantas: o exemplo dos gêneros Tabernaemontana e Aspidosperma/ Production of plant secondary metabolites in plant cell and tissue culture: the example of Tabernaemontana and Aspidosperma genera

Fumagali, Elisângela; Gonçalves, Regina Aparecida Correia; Machado, Maria de Fátima Pires Silva; Vidoti, Gentil José; Oliveira, Arildo José Braz de
2008-12-01

Resumo em português Os estudos dos metabólitos secundários de plantas se desenvolveram aceleradamente nos últimos 50 anos. Estes compostos são conhecidos por desempenharem um papel importante na adaptação das plantas aos seus ambientes e também representam uma fonte importante de substâncias farmacologicamente ativas. As técnicas de cultura de células de plantas iniciaramse na década de 1960 como uma possível ferramenta para estudar e produzir os metabólitos secundários de plan (mais) tas. O uso de cultura de células de planta para a produção de substâncias de interesse contribuiu grandemente para avanços em diversas áreas da fisiologia e bioquímica vegetal. Diferentes estratégias, usando sistemas de cultura in vitro, foram estudadas com o objetivo de aumentar a produção de metabólitos secundários. As plantas dos gêneros Aspidosperma e Tabernaemontana são importantes fontes de alcalóides indólicos biologicamente ativos, sendo que no Brasil existe um número considerável de espécies destes gêneros. As culturas de células de Aspidosperma e Tabernaemontana foram iniciadas há pelo menos 16 anos, as quais produzem um grande número de alcalóides, o que estimulou o desenvolvimento de diversas técnicas para sua produção, extração e identificação. Resumo em inglês Studies on plant secondary metabolites have been increasing over the last 50 years. These compounds are known to play a major role in the adaptation of plants to their environment and an important source of active pharmaceuticals. Plant cell culture technologies were introduced at the end of the 1960s as a possible tool for both studying and producing plant secondary metabolites. Different strategies, using in vitro systems, have been extensively studied with the objectiv (mais) e of improving the production of secondary plant compounds. The Aspidosperma and Tabernaemontana genera are an important source of biologically active alkaloids and in Brazil there is a considerable number of species of these genera. About 16 years ago cell cultures of Tabernemontana and Aspidosperma were initiated. These cell cultures did produce a number of alkaloids of pharmaceutical interest that stimulated the development of several techniques to production, extraction and identification.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

37

Produção de interleucina-10 na gestação reduz a taxa de replicação do HIV-1 em culturas de linfócitos maternos/ Interleukin-10 production during pregnancy reduces HIV-1 replicaction in cultures of maternal lymphocytes

Paolino, Bruno Monção; Araoz, Odalis Karen Vasquez; Wing, Ana Cristina Marques; Silva, Ana Luíza Furtado da; Rocco, Regina; Lauria, Catharina; Brindeiro, Rodrigo; Bento, Cleonice Alves de Melo
2005-07-01

Resumo em português OBJETIVO: avaliar a proliferação de células T e a produção de citocinas em gestantes infectadas pelo HIV-1 e seu impacto na replicação viral in vitro. MÉTODOS: sangue periférico de 12 gestantes infectadas pelo HIV-1 e de seus neonatos, bem como de 10 gestantes HIV-1 negativas, foi colhido e a quantidade de linfócitos TCD4+ e TCD8+ periféricos foi avaliada por citometria de fluxo. Para obter plasma ou células mononucleares periféricas (PBMC), as amostras foram (mais) centrifugadas na ausência ou presença de um gradiente de Ficoll-Hypaque, respectivamente. As PBMC foram mantidas em cultura por sete dias na presença de fito-hemaglutinina mais IL-2 recombinante e a resposta linfoproliferativa de células T foi analisada pelo método de exclusão em azul de Trypan. Em alguns experimentos, as culturas foram mantidas na presença adicional de anticorpo anti-IL-10. Os plasmas e sobrenadantes das culturas de PBMC ativadas foram submetidos à análise da produção de citocinas, pelo método ELISA indireto, e a carga viral, detectada pelo RT-PCR. RESULTADOS: independente da carga viral plasmática, a resposta linfoproliferativa em culturas de células obtidas de gestantes infectadas pelo HIV foi inferior às amostras normais [4,2±0,37 vs 2,4±0,56 (x 10(6)) células/mL; p Resumo em inglês PURPOSE: to evaluate T cell proliferation and cytokine production in HIV-1-infected pregnant women and their impact on in vitro virus replication. METHODS: peripheral blood from 12 HIV-1-infected pregnant women and from their neonates was collected. As control, 10 samples from non-infected pregnants were also colleted. The CD4+ and CD8+ T cell counts were assayed by flow cytometry. Peripheral blood mononuclear cells (PBMC) and plasma were obtained by centrifugation with a (mais) nd without Ficoll-Hypaque gradient, respectively. The freshly purified PBMC were kept in cultures for seven days with PHA plus r-IL-2, and the lymphoproliferative response was assayed by Trypan blue dye exclusion. In some experiments we added anti-IL-10 monoclonal antibody. The plasma samples and supernatants from cell cultures were stored to determine both peripheral cytokine levels, by ELISA sandwich, and viral load, by RT-PCR. RESULTS: the results showed that the lymphoproliferative response was smaller in cultures obtained from HIV-1-infected women than in control cultures [4.2±0.37 vs 2.4±0.56 (x 10(6) cell/mL), p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

38

Produção de interferon ou substância semelhante em culturas EB3 inoculadas com soros humanos contendo antígeno Austrália/ The interferon or interferon-like substance production of EB3 cells after inoculation with human sera containing Australia antigen

Candeias, J. A. N.
1975-09-01

Resumo em português Culturas de células EB3, quando inoculadas com soros humanos contendo antígeno Austrália, produzem interferon ou substância semelhante em títulos significativamente mais elevados do que as culturas controle, não inoculadas. As culturas de células EB3 inoculadas com soros humanos negativos para o antígeno Austrália comportam-se de modo idêntico às culturas controle, no que respeita aos títulos de interferon, ou substância semelhante. Sugere-se a possibilidade (mais) daquele efeito poder servir de indicador de uma possível interação entre as células EB3 e o antígeno Austrália. Resumo em inglês The production of interferon or an interferon-like substance by EB3 cell cultures exposed to human sera containing Australia antigen is described. The normal pattern of interferon production by EB3 cells not inoculated with human sera is modified, after exposure to human positive sera for Australia antigen and it is suggested that this modification may provide a criterion for interaction of Australia antigen and EB3 cells.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

39

Produção de interferon ou substância semelhante em culturas EB3 inoculadas com soros humanos contendo antígeno Austrália/ The interferon or interferon-like substance production of EB3 cells after inoculation with human sera containing Australia antigen

Candeias, J. A. N.
1975-09-01

Resumo em português Culturas de células EB3, quando inoculadas com soros humanos contendo antígeno Austrália, produzem interferon ou substância semelhante em títulos significativamente mais elevados do que as culturas controle, não inoculadas. As culturas de células EB3 inoculadas com soros humanos negativos para o antígeno Austrália comportam-se de modo idêntico às culturas controle, no que respeita aos títulos de interferon, ou substância semelhante. Sugere-se a possibilidade (mais) daquele efeito poder servir de indicador de uma possível interação entre as células EB3 e o antígeno Austrália. Resumo em inglês The production of interferon or an interferon-like substance by EB3 cell cultures exposed to human sera containing Australia antigen is described. The normal pattern of interferon production by EB3 cells not inoculated with human sera is modified, after exposure to human positive sera for Australia antigen and it is suggested that this modification may provide a criterion for interaction of Australia antigen and EB3 cells.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

40

Pesquisa de Rickettsia spp em carrapatos Amblyomma cajennense e Amblyomma dubitatum no Estado de São Paulo/ Survey of Rickettsia spp in the ticks Amblyomma cajennense and Amblyomma dubitatum in the State of São Paulo

Pacheco, Richard Campos; Horta, Maurício Cláudio; Pinter, Adriano; Moraes-Filho, Jonas; Martins, Thiago Fernandes; Nardi, Marcello Schiavo; Souza, Savina Silvana Aparecida Lacerra de; Souza, Celso Eduardo de; Szabó, Matias Pablo Juan; Richtzenhain, Leonardo José; Labruna, Marcelo Bahia
2009-06-01

Resumo em português Foi pesquisada a presença de riquétsias em 3.545 carrapatos Amblyomma cajennense e 2.666 Amblyomma dubitatum. Através do teste de hemolinfa, reação em cadeia pela polimerase e isolamento de rickettsia em cultivo celular, todos os Amblyomma cajennense foram negativos, sendo que 634 (23,8%) Amblyomma dubitatum mostraram-se infectados com Rickettsia bellii. Resumo em inglês The presence of rickettsial infection was surveyed in 3,545 Amblyomma cajennense ticks and 2,666 Amblyomma dubitatum ticks. Using the hemolymph test, polymerase chain reaction and isolation of Rickettsia in cell cultures, all of the Amblyomma cajennense were negative, whereas 634 (23.8%) of the Amblyomma dubitatum ticks were shown to be infected with Rickettsia bellii.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

41

Perfil microbiológico dos pacientes nos primeiros trinta dias pós transplante de medula óssea do Serviço de Transplantes da Santa Casa de São Paulo/ Microbiological profile of patients in the first third days post bone marrow transplantation of the Transplantation Service in Santa Casa, Sao Paulo

Naoum, Flávio A.; Martins, Larissa T. V.; Castro, Nelson S.; Barros, José C.; Chiattone, Carlos S.
2002-04-01

Resumo em português As infecções bacterianas continuam sendo uma das principais causas de morbidade e mortalidade nos pacientes transplantados de medula óssea. O período de neutropenia, que compreende os primeiros trinta dias do tratamento, é o mais vulnerável em relação às infecções bacterianas. A melhora na cobertura antibiótica tem alterado a incidência e prevalência dos agentes bacterianos nas últimas décadas. O uso de culturas de vigilância é uma estratégia usada no s (mais) entido de identificar um agente capaz de ocasionar morbidade importante nesta fase do tratamento. Entretanto, sua utilização sistemática é criticada no sentido de sua baixa sensibilidade e especificidade. Os autores avaliaram as culturas de vigilância de 50 pacientes nos primeiros 30 dias de transplante do Serviço de Hematologia e Hemoterapia da Santa Casa de São Paulo. Os indivíduos do sexo masculino compreenderam 62% da amostra, sendo o transplante alogênico e de células tronco periférica 68% e 72% respectivamente. A faixa etária prevalente foi de 21 a 40 anos. A leucemia mielóide crônica foi a indicação mais freqüente de transplante. Os agentes Gram positivos foram isolados em 64% das culturas. O local de prevalência de culturas por bactérias Gram positivas ocorreu em pele, região nasal e de inserção de cateter e Gram negativos em região perianal. A avaliação retrospectiva não mostrou relação das culturas de vigilância com a alteração do esquema antibiótico ou à presença de hemoculturas positivas no período. Resumo em inglês The bacterial infections remain one of the most common causes of morbidity and mortality among bone marrow transplantation patients. During the neutropenic period these patients are more susceptible to acquire these agents. The improvement on antibiotic prophylaxis has changed the bacterial spectrum on the last decade. Surveillance cultures have been strategically used as a method to foresee an agent that potentially increases morbidity at this time of treatment. However (mais) it is also criticized due to its low sensitivity and specificity. The authors retrospectively reviewed the surveillance cultures on the first thirty days of 50 patients who underwent bone marrow transplantation at Santa Casa de São Paulo BMT unit. The male patients were 62% and the prevalent age ranging 21 to 40 years. The allogeneic transplant and peripheral blood stem cell infusion were 68% and 72% respectively. Chronic myelogenous leukemia was the most transplanted disease. Gram-positive isolates were found on 64% of all cultures. The Gram-positive agents were prevalent on skin, nostril swabs and also on catheter exit sites, while gram negative agents were isolated on oropharynx and anal swabs. There was no relation either on a positive blood culture test or a antibiotic prophylaxis regarding the surveillance cultures when retrospectively reviewed during these first days of treatment.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

42

Perda química de carbono e cinética do crescimento celular em cultivos de Spirulina/ Chemical carbon losses and growth kinetics in Spirulina cultures

Andrade, Michele da Rosa; Camerini, Felipe Vieira; Costa, Jorge Alberto Vieira
2008-01-01

Resumo em inglês Photosynthetic microorganism cultures, such as microalgae, represent one of the alternatives for fossil CO2 emissions mitigation. Carbon supply is the major cost component in microalgal cultures. Aiming to enhance the dissolved inorganic carbon uptake efficiency in microalgal cultures, Spirulina sp LEB-18 was cultivated in mediums containing NaHCO3 concentrations ranging from 2.8 to 100 g L-1. Results indicated that lower dissolved inorganic carbon concentratios (2.8 g L- (mais) 1 NaHCO3) produce higher growth parameters (Xmax = 0.75 g L-1; Pmax = 0.145 g L-1 d-1; µmax = 0.254 d-1) and lower carbon losses (13.61%). At 50 g L-1 of NaHCO3 cell growth was inhibited and carbon losses reached 38.73%.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

43

Os efeitos do ácido linoléico conjugado no metabolismo animal: avanço das pesquisas e perspectivas para o futuro/ Effects of conjugated linoleic acid on animal metabolism: advances in research and perspectives for the future

Santos-Zago, Lilia Ferreira; Botelho, Adriana Prais; Oliveira, Admar Costa de
2008-04-01

Resumo em português Realizou-se uma revisão sistemática, sem restrição de data, sobre os efeitos fisiológicos do ácido linoléico conjugado sobre a regressão da carcinogênese, o estresse oxidativo, o metabolismo de lípides e glicose e a alteração da composição corporal. Objetivando estabelecer o aspecto histórico do avanço da pesquisa em ácido linoléico conjugado, consideraram-se artigos originais resultantes de trabalhos realizados com animais, com cultura de células e com (mais) humanos. Quanto às pesquisas sobre o efeito anticarcinogênico do ácido linoléico conjugado foram encontradas inúmeras evidências a esse respeito, especialmente na regressão dos tumores mamários e de cólon, induzida por ambos os isômeros os quais agem de maneiras distintas. Os pesquisadores se empenham em reinvestigar as propriedades antioxidantes do ácido linoléico conjugado. Embora tenham sido investigadas as propriedades antioxidantes, tem-se identificado efeito pró-oxidante, levando ao estresse oxidativo em humanos. Foram poucos os estudos que demonstraram efeito positivo significativo do ácido linoléico conjugado sobre o metabolismo dos lípides e da glicose e sobre a redução da gordura corporal, especialmente em humanos. Estudos sobre efeitos adversos foram também identificados. Há fortes indícios de que a ação deste ácido graxo conjugado sobre uma classe de fatores de transcrição - os receptores ativados por proliferadores de peroxissomo - e sobre a conseqüente modulação da expressão gênica, possa ser a explicação fundamental dos efeitos fisiológicos. Embora incipientes, os mais recentes estudos reforçam o conceito da nutrigenômica, ou seja, a modulação da expressão gênica induzida por compostos presentes na alimentação humana. O cenário atual estimula a comunidade científica a buscar um consenso sobre os efeitos do ácido linoléico conjugado em humanos, já que este está presente naturalmente em alguns alimentos, que, quando consumidos em quantidades adequadas e de forma freqüente, poderiam atuar como coadjuvantes na prevenção e no controle de inúmeras doenças crônicas. Resumo em inglês This systematic review without date restrictions is about the physiological effects of conjugated linoleic acid on regression of carcinogenesis, oxidative stress, glucose and lipid metabolism and change in body composition. The objective was to establish the historical aspect of research advances regarding conjugated linoleic acid, considering original articles reporting work on animals, cell cultures and humans. Regarding the researches on the anticarcinogenic effect of (mais) conjugated linoleic acid, innumerous evidences were found in this respect, especially in the regression of mammary and colon tumors induced by both isomers which act distinctively. The researchers devoted considerable effort to reinvestigate the antioxidant properties of conjugated linoleic acid. Although the antioxidant properties have been investigated, pro-oxidant effect has been identified leading to oxidative stress in humans. Few studies demonstrated significant beneficial effects of conjugated linoleic acid on the metabolism of lipids and glucose and on the reduction of body fat, especially in humans. Studies with adverse effects were also identified. There is strong indication that the action of this conjugated fatty acid on a class of transition factors - the peroxisome proliferator-activated receptor - and on the consequent modulation of gene expression can be the fundamental explanation of its physiological effects. The most recent studies reinforce the nutrigenomic concept, that is, the modulation of gene expression induced by compounds present in the foods consumed by humans. This current scenario stimulates the scientific community to seek a consensus on the effects of conjugated linoleic acid in humans, since it is naturally found in some foods; when these foods are consumed regularly and in appropriate amounts, they could help prevent and control innumerous chronic diseases.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

44

Obtenção de híbridos somáticos de limão 'Cravo' e tangerina 'Cleópatra'/ Somatic hybridization between 'Rangpur' lime and 'Cleópatra' mandarin

Latado, Rodrigo Rocha; Derbyshire, Maria Teresa Vitral de Carvalho; Tsai, Siu Mui; Tulmann Neto, Augusto
2002-12-01

Resumo em português Este trabalho teve como objetivo a obtenção de híbridos somáticos entre o limão 'Cravo' (Citrus limonia Osbeck) e a tangerina 'Cleópatra' (Citrus reshni Hort.), para serem usados como porta-enxertos de citros. O limão 'Cravo' é atualmente o principal porta-enxerto comercial utilizado no Brasil, em virtude de suas boas qualidades agronômicas. Entretanto, é suscetível ao "declínio" dos citros, doença responsável pela eliminação anual de milhões de plantas c (mais) ítricas no Brasil. A tangerina 'Cleópatra' é uma espécie bastante utilizada como porta-enxerto em outros países e tem sido descrita na literatura como tolerante ao "declínio". Protoplastos de suspensões celulares embriogênicas e protoplastos derivados de tecidos foliares foram utilizados para fusão com solução de PEG (50%) e posterior cultivo em agarose. A porcentagem de obtenção de células híbridas interespecíficas logo após a fusão, variou entre 5,1% e 6,8%. Foram obtidas mais de 500 plantas a partir de produtos de fusão cultivados em gotas de agarose. No total de 180 plantas avaliadas, 11 híbridos somáticos foram discriminados e confirmados, utilizando-se marcadores moleculares RAPD e isoenzimáticos (sistemas PO, IDH e PGI). Seis plantas foram aclimatizadas, plantadas no solo e estão sendo multiplicadas por estaquia para avaliação futura como porta-enxertos de citros. Resumo em inglês The aim of this work was to obtain somatic hybrids between 'Rangpur' lime (Citrus limonia Osbeck) and 'Cleópatra' mandarin (Citrus reshni Hort.), to be used as a citrus rootstock. 'Rangpur' lime is the most important Brazilian citrus rootstock due to its higher horticultural performance. Nevertheless, this species is susceptible to blight disease, which is responsible for the death of millions of productive trees per year in Brazil. 'Cleópatra' mandarin has become an in (mais) creasingly important rootstock in other countries and has been reported as being tolerant to citrus blight disease. Leaf protoplasts and protoplasts from embryogenic cell suspension cultures were fused using PEG solution (50%) and further cultivation in agarose. The frequency of heterokaryon formation was 5.1% to 6.8%. More than 500 plants were regenerated from these fusion experiments and 180 were tested. Among them, 11 plants were confirmed to be a somatic hybrid by means of molecular markers (RAPD) and isoenzymes markers (PO, IDH and PGI systems). Six plants were acclimatized, planted in the soil and have been multiplied by cuttings in order to evaluate their potential as citrus rootstocks.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

45

O polietilenoglicol aumenta a penetração do vírus da diarréia viral bovina, do vírus da estomatite vesicular e do vírus sincicial respiratório bovino em células de cultivo/ Polyethylene glycol increases the penetration of bovine viral diarrhea virus, vesicular stomatitis virus and bovine respiratory syncytial virus in cultured cells

Dezengrini, Renata; Cargnelutti, Juliana Felipetto; Weiblen, Rudi; Flores, Eduardo Furtado
2009-06-01

Resumo em português A baixa eficiência de penetração de alguns vírus em células de cultivo pode representar uma dificuldade para o isolamento e a multiplicação viral in vitro. No presente estudo investigou-se o efeito do polietilenoglicol (PEG) na replicação de sete vírus bovinos em células de linhagem de rim bovino (MDBK). A eficiência de penetração e replicação foi mensurada pela contagem do número de placas virais produzidas em tapetes celulares, após adsorção do inóc (mais) ulo viral (100 DICC50 mL-1) com ou sem a adição de PEG a 5% (peso molecular 6.000). A adição de PEG ao inóculo resultou em aumentos significativos do número de placas para o vírus da diarréia viral bovina (BVDV) (aumento de 3,4 vezes), vírus da estomatite vesicular (VSV) (2,2 vezes) e vírus respiratório sincicial bovino (BRSV) (1,5 vezes). A adição de PEG não produziu aumento significativo no número de placas dos herpesvírus bovinos 1, 2 e 5 (BoHV-1, BoHV-2 e BoHV-5). Por outro lado, o PEG produziu uma redução do número de placas (1,4 vezes) produzidas pelo vírus da parainfluenza bovina (bPI-3V). A adição de PEG a 5% também aumentou a sensibilidade de detecção (entre 10 e 100 vezes) do BVDV no soro de três bezerros persistentemente infectados. Para o BRSV, a adição de PEG aumentou em duas vezes a sensibilidade do isolamento viral de secreções nasais de duas ovelhas infectadas experimentalmente. Esses resultados demonstram que o PEG aumenta a eficiência de infecção do BVDV, VSV e BRSV em células de cultivo, podendo ser utilizado para aumentar a sensibilidade de detecção desses vírus em amostras clínicas (isolamento viral) e/ou, para aumentar os títulos de vírus produzidos em cultivo celular. Resumo em inglês The low efficiency of penetration of some viruses in cultured cells may represent an obstacle for viral isolation and/or viral multiplication in tissue culture. This study investigated the effect of polyethylene glycol (PEG) on the penetration and replication of seven bovine enveloped viruses in culture cells. Penetration efficiency was measured by counting the number of viral plaques produced in bovine kidney cells (MDBK). The addition of 5% PEG (molecular weight 6.000) (mais) to the viral inoculum containing 100 TCID50 mL-1 (tissue culture median infectious dosis) of each virus, during adsorption for 2h at 37°C, resulted in a significant increase in the number of plaques for bovine viral diarrhea virus (BVDV) (increase of 3.4-fold), vesicular stomatitis virus (VSV) (2.2-fold) and bovine respiratory syncytial virus (BRSV) (1.5-fold). The addition of 5% PEG to the inoculum of bovine herpesviruses 1, 2 and 5 (BoHV-1, BoHV-2 and BoHV-5) did not increase the number of viral plaques. On the other hand, PEG produced a reduction in the number of plaques by bovine parainfluenza virus (bPI-3V) (1.4-fold). Furthermore, the addition of 5% PEG produced a 10- to 1000-fold increase in the sensitivity of BVDV detection in the serum of three persistently infected calves; and doubled the sensitivity of detection of BRSV in nasal secretions of two experimentally infected sheep. These results demonstrate that PEG enhances the efficiency of infection by BVDV, VSV and BRSV in cultured bovine cells and therefore may be used to increase the sensitivity of virus detection in clinical samples (viral isolation), and/or to increase virus titers in cell cultures.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

46

Nutrição no pós-genoma: fundamentos e aplicações de ferramentas ômicas/ Nutrition in the post-genome era: 'omic' tools basics and applications

Fialho, Eliane; Moreno, Fernando Salvador; Ong, Thomas Prates
2008-12-01

Resumo em português Após seqüenciamento do genoma humano, os estudos genômicos têm se voltado à elucidação das funções de todos os genes, bem como à caracterização de suas interações com fatores ambientais. A nutrigenômica surgiu no contexto do pós-genoma humano e é considerada área-chave para a nutrição nesta década. Seu foco de estudo baseia-se na interação gene-nutriente. Esta ciência recente tem como objetivo principal o estabelecimento de dietas personalizadas, c (mais) om base no genótipo, para a promoção da saúde e a redução do risco de doenças crônicas não transmissíveis como as cardiovasculares, o câncer, o diabetes, entre outras. Nesse contexto, é fundamental a aplicação na área de nutrição das ferramentas de genômica funcional para análise do transcritoma (transcritômica), do proteoma (proteômica) e do metaboloma (metabolômica). As aplicabilidades dessas metodologias em estudos nutricionais parecem ilimitadas, pois podem ser conduzidas em cultura de células, modelos de experimentação em animais, estudos pré-clinicos e clínicos. Tais técnicas apresentam potencial para identificar biomarcadores que respondem especificamente a um determinado nutriente ou composto bioativo dos alimentos e para estabelecer as melhores recomendações dietéticas individuais para redução do risco das doenças crônicas não transmissíveis e promoção da saúde. Resumo em inglês After sequencing the human genome, genomic studies have been focusing on elucidating the function of all genes, as well as characterizing their interactions with environmental factors. Nutrigenomics emerged in the pos-genome era and is considered a key-area for nutrition in the present decade. Its research focus is nutrient-gene interaction. The main objective of this recent science is to establish personalized genotype-based diets that promote health and reduce the risk (mais) of non-communicable chronic diseases such as cardiovascular diseases, cancer, diabetes and others. In this context, it is essential to use functional genomic tools to analyze the transcriptome (transcriptomics), proteome (proteomics) and metabolome (metabolomics) in the field of nutrition. The applicabilities of such methodologies in nutritional studies seem unlimited since they can be conducted in cell cultures, animal models and pre-clinical and clinical studies. Such techniques may allow one to identify biomarkers that respond specifically to a certain dietary nutrient or bioactive compound and to establish the best individual dietary advice to reduce the risk of non-communicable chronic diseases and promote health.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

47

Microbiota do megaesôfago e carcinogênese/ Megaesophagus microbiota and carcinogenesis

Pajecki, Denis; Zilberstein, Bruno; Santos, Manoel Armando Azevedo dos; Quintanilha, Alina Guimarães; Cecconello, Ivan; Gama-Rodrigues, Joaquim
2003-03-01

Resumo em português INTRODUÇÃO: O risco de desenvolvimento de carcinoma esofágico em portadores de megaesôfago é 33 vezes superior ao da população em geral. Possível explicação para este fenômeno poderia estar relacionada à produção de compostos N-nitrosos na luz do órgão, a partir da transformação de nitratos da dieta em nitritos, mediada por bactérias em suspensão no líquido de estase e com o contato crônico destes carcinógenos com a mucosa esofágica. OBJETIVO: Anal (mais) isar a microbiota esofágica em pacientes portadores de megaesôfago de etiologia chagásica, com especial atenção para a presença de bactérias com capacidade de redução de nitratos. CASUÍSTICA: Foram estudados prospectivamente 15 pacientes portadores de megaesôfago chagásico com idades variando de 28 a 73 anos, sendo 9 do sexo feminino e 6 do sexo masculino, que foram divididos em 3 grupos iguais de 5, de acordo com o grau de dilatação do esôfago, segundo a classificação de Rezende et al. (Grau I, Grau II e Grau III). MÉTODO: A coleta do líquido de estase para estudo microbiológico era realizada através de sonda de Levine nº 14, que era passada pela boca, por dentro de uma cânula de intubação orotraqueal nº 7,5, mantendo-se sua extremidade escondida, a fim de evitar sua contaminação. RESULTADOS: Foram obtidas 93,3% de culturas positivas com grande variedade de microrganismos e predomínio de aeróbios Gram-positivos e anaeróbios. As concentrações de microrganismos foram tanto maiores, quanto maior o grau de dilatação do esôfago. Entre os microrganismos encontrados, o Staphylococcus sp, Corynebacterium sp, Peptostreptococcus sp e a Veillonella sp foram aqueles identificados como tendo a capacidade de redução de nitratos a nitritos. CONCLUSÃO: No megaesôfago chagásico há bactérias na luz do órgão com capacidade de redução de nitratos da dieta, passo importante na produção de compostos N-nitrosos. Resumo em inglês BACKGROUND: The risk of development of spin cell carcinoma of the esophagus is 33 times higher in patients with chagasic achalasia. It is possible that the production of N-nitroso compounds in the esophageal lumen by of bacterial action in the stasis liquid that reduce nitrates from diet into nitrites may play a role in this process. AIM: To analyze qualitatively and quantitatively the microbiota in chagasic megaesophagus with special attention to bacteria capable of tran (mais) sforming nitto reduction. PATIENTS: Fifteen patients (six men and nine women) were prospectively studied, with ages varying from 28 to 73 years. Patients were divided into three sub-groups according to Rezende et al. classification of esophageal dilation (grade I, grade II and grade III). METHOD:The sample collection was performed using a method specially developed to avoid contamination with microorganisms of the oral cavity and oropharynx, using a Levine catheter nº 14 and a 7,5 oro-traqueal tube. RESULTS: Ninety three point three percent of the cultures were positive, with great bacterial variability and predominance of a variety of aerobic Gram-positive and anaerobic bacteria. The bacterial concentrations were generally more elevated in grade III in comparison to grade I and grade II. Among the microorganisms found, Staphylococcus sp, Corynebacterium sp, Peptostreptococcus sp e a Veillonella sp were those with the capability of nitrate reduction. CONCLUSION: It was concluded that patients with megaesophagus present some bacteria in the esophageal lumen that are able to reduce nitrates intro nitrites, an important step in the formation of N-nitroso compounds.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

48

Meningoencefalite por herpesvírus bovino-5/ Meningoencephalitis by bovine herpesvirus-5

Rissi, Daniel R.; Rech, Raquel R.; Flores, Eduardo F.; Kommers, Glaucia D.; Barros, Claudio S.L.
2007-07-01

Resumo em português A meningoencefalite por herpesvírus bovino-5 (BoHV-5) é uma doença infecto-contagiosa, aguda ou subaguda, geralmente fatal e que afeta principalmente bovinos jovens submetidos a situações de estresse. A doença tem sido freqüentemente diagnosticada em várias regiões do Brasil e em outras partes do mundo. BoHV-5 é um vírus da família Herpesviridae e subfamília Alphaherpesvirinae e possui como genoma uma molécula de DNA fita dupla. Esses vírus são caracteriza (mais) dos por rápida replicação em cultivo, que resulta em lise das células infectadas, e afetam várias espécies de hospedeiros, estabelecendo latência principalmente em neurônios de gânglios sensoriais. A transmissão de BoHV-5 ocorre principalmente por contato direto ou indireto entre bovinos. Após a replicação primária nas mucosas oral, nasal, ocular e orofaríngea, o vírus invade as terminações nervosas e é transportado até os neurônios de gânglios sensoriais, onde replica ativamente e estabelece latência. A invasão viral do encéfalo pode resultar em replicação viral massiva e produção de doença neurológica. A maioria dos bovinos que desenvolvem doença neurológica morre em decorrência de meningo-encefalite, porém alguns podem desenvolver infecção subclínica e, após recuperação, permanecerem portadores da infecção latente. A disseminação viral nos rebanhos é facilitada em situações de grande concentração de animais, introdução de bovinos e desmame de lotes de bezerros em idade que coincide com o decréscimo da imunidade passiva. Certas condições, naturais ou induzidas, podem reativar o vírus do estado latente e propiciar condições para sua transmissão e disseminação a outros indivíduos. A doença pode ocorrer na forma de surtos ou em casos isolados, com coeficientes de morbidade que podem variar de 0,05%-5%; a letalidade é quase sempre de 100%. Os sinais clínicos incluem depressão, descarga nasal e ocular, ranger de dentes, andar em círculos, cegueira, febre, movimentos de pedalagem, disfagia, dor abdominal, nistagmo, tremores, sialorréia, incoordenação, opistótono, pressão da cabeça contra objetos, quedas e convulsões. A evolução do quadro clínico pode variar de 1 a 15 dias. Achados de necropsia podem estar ausentes, mas normalmente se observa tumefação das porções rostrais do córtex telencefálico e achatamento das circunvoluções, com segmentos amarelados e amolecidos (malacia). Com a evolução da doença, essas áreas se tornam gelatinosas e acinzentadas, e em casos avançados ocorre o desaparecimento segmentar do córtex telencefálico frontal (lesão residual). Em muitos casos podem ser observados focos de malacia na substância cinzenta dos núcleos basais e do tálamo. Histologicamente observa-se meningoencefalite não-supurativa necrosante, principalmente no córtex telencefálico frontal, associada a inclusões intranucleares eosinofílicas em astrócitos e neurônios, embora a freqüência dessas inclusões seja irregular. O diagnóstico de meningoencefalite por BoHV-5 deve ser feito com base nos achados epidemiológicos, clínicos, de necropsia e histopatológicos, associados com o isolamento do vírus em cultivo celular células ou com detecção de antígenos virais em seções do encéfalo ou em células descamadas presentes nas secreções nasais. A identificação e caracterização de BoHV-5 pode ser realizada por meio de testes com anticorpos mono-clonais, reação em cadeia de polimerase (PCR) e por análise de restrição genômica. Não há tratamento específico para a meningoencefalite por BoHV-5. Como o BoHV-1 e o BoHV-5 são antigenicamente muito semelhantes, recomenda-se a vacinação com vacinas para BoHV-1 como forma de reduzir as perdas causadas por BoHV-5, principalmente durante surtos de doença neurológica. Adicionalmente, outras medidas podem ser adotadas para prevenir ou reduzir os prejuízos ocasionados pela enfermidade, como testar sorologicamente os bovinos a serem introduzidos nos rebanhos, minimizar situações de estresse, sobretudo no desmame, e isolamento dos bovinos afetados. Resumo em inglês Meningoencephalitis caused by bovine herpesvirus-5 (BoHV-5) is an often fatal, acute or subacute infectious disease that affects mainly young cattle under stressing conditions. The disease has been recognized in several Brazilian regions and in other parts of the world. BoHV-5 is a double stranded DNA virus member of the Herpesviridae family and subfamily Alphaherpesvirinae. The virus is characterized by rapid and lytic replication in cell cultures and by the ability to e (mais) stablish lifelong latent infection in sensory nerve ganglia of the host. BoHV-5 is transmitted mainly by direct and indirect contact and replicates acutely in the oral, nasal, oropharingeal or ocular mucosae. After primary replication, the virus invades nerve endings and is transported to the neuron cell bodies of the sensory ganglia where it replicates actively and/or establishes latency. Viral invasion of the brain may result in massive virus replication and production of neurological disease. Virtually all cattle developing neurological disease die of meningoencephalitis; yet the infection may be subclinical in some animals. These animals recover and become latently infected. Viral dissemination within a herd is facilitated by conditions such as crowding, introduction of cattle from other herds and weaning of calves in ages that coincide with decrease of passive immunity. Certain natural or induced conditions may reactivate the latent virus and favor its transmission and dissemination to other susceptible individuals. The disease may occur as outbreaks or as sporadic cases, with morbidity rates ranging of 0.05%-5%; lethality is almost always 100%. Clinical signs include depression, nasal and ocular discharge, grinding of teeth, circling, blindness, fever, paddling movements, disphagia, abdominal pain, nystagmus, muscle tremors, drooling, incoordinated gait, opisthotonus, head pressing, falls and convulsions. Clinical course is usually 1-15 days. Necropsy findings may be absent but often there is swollen of the rostral portions of the cerebral cortex and flattening of gyri, with softening and segmental yellow discoloration (malacia). As the disease progresses the affected areas become gelatinous and grey and, in advanced cases, there is segmental loss of the cerebral cortex of the frontal lobe of the brain (residual lesion). In several cases there is malacia of the basal nuclei and of the thalamus. Histologically, there is necrotizing non-suppurative meningoencephalitis affecting mainly the cerebral cortex of the frontal lobe associated with eosinophilic intranuclear inclusion bodies in neurons and astrocytes, although the frequency of the inclusion bodies is inconsistent. The diagnosis of meningoencephalitis by BoHV-5 should be based on epidemiology, clinical signs, necropsy and histological findings. The diagnosis should be confirmed by viral isolation in cell culture and/or by detection of viral antigens in brain sections or in exfoliated cells from nasal secretions. The identification and characterization of BoHV-5 can be done by the use of mono clonal antibodies, polymerase chain reaction (PCR) and/or by restriction enzyme analysis of the viral genome. There is no specific treatment for the disease. As BoHV-1 and BoHV-5 are antigenically related, vaccination using BoHV-1 vaccines may be recommended as a means of reducing the losses caused by BoHV-5 infection, mainly during outbreaks of neurologic disease. Additionally, measures such as serologic testing of new additions to the herd; and management practices to prevent stress and to reduce conditions for virus dissemination among animals may help in reducing the incidence and the consequences of BoHV-5 infection and disease.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

49

Manutenção in vitro de células IDE8 em dois tipos de soro bovino/ In vitro maintenance of IDE8 cells using two types of bovine serum

Bastos, C.V.; Vasconcelos, M.M.C.; Ribeiro, M.F.B.; Passos, L.M.F.
2007-04-01

Resumo em inglês The present study had the objective of defining the culture conditions, optimizing the maintenance and expansion of an IDE-8 cell line in Brazil, with the aim to propose its use as a model for in vitro infection and multiplication of Brazilian strains of rickettsia and other hemoparasites. The supplementation of IDE-8 cells with two distinct fetal bovine sera (a Brazilian and an imported) was evaluated. Culture media were changed weekly and subcultures were carried out ev (mais) ery 15 days. The development of cultures and subcultures was evaluated by the percentage of viability and cellular morphology. The results indicate that the imported SFB can be replaced by the Brazilian SFB one, as no significant differences (P

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

50

Isolamento do vírus Parainfluenza bovino tipo 3 no Rio Grande do Sul, Brasil/ Isolation of bovine Parainfluenza virus type 3 in Rio Grande do Sul, Brazil

Gonçalves, Diocela Andrade; Spilki, Fernando Rosado; Chiminazzo, Cláudio; Oliveira, Michelle Andrade; Franco, Ana Cláudia; Roehe, Paulo Michel
2003-10-01

Resumo em português É descrito o isolamento do vírus Parainfluenza bovino tipo 3 (bPI-3) a partir de secreções nasais coletadas de um bovino com infecção respiratória. A identificação do agente foi realizada através de isolamento em cultivo celular e confirmada por testes de hemaglutinação, inibição da hemaglutinação, hemadsorção e imunofluorescência direta. Este é o primeiro registro do isolamento do vírus no Rio Grande do Sul. Resumo em inglês The isolation of bovine parainfluenza virus type 3 (bPI-3) from a case of mild respiratory disease in a calf is described. Identification was carried out by virus isolation in cell cultures and confirmed by hemagglutination, hemagglutination inhibition, hemadsorbtion and direct imunofluorescence. This is the first report on the isolation of bPI-3 in Rio Grande do Sul, Brazil.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

51

Isolamento de oligossacarídeos de xiloglucano de dicotiledôneas através de hidrólise enzimática e cromatografia de exclusão molecular/ Isolation of xyloglucan oligossacharides from dicots using enzymatic hydrolyses and gel permeation chromatography

Oliveira Junior, Clovis José Fernandes de; Braga, Marcia Regina; Buckeridge, Marcos Silveira
2006-09-01

Resumo em português Oligossacarídeos derivados do xiloglucano, um polissacarídeo constituinte da parede celular vegetal, vêm sendo considerados como moléculas capazes de sinalizar e/ou regular eventos relacionados ao crescimento e à expansão celular. A purificação desses oligossacarídeos é imprescindível para a realização de ensaios relativos à sua atividade biológica. Neste trabalho, xiloglucanos foram extraídos a partir de sementes de copaíba (Copaifera langsdorffii Desf.) (mais) e suspensões celulares de feijão (Phaseolus vulgaris L.) e hidrolisados com celulase (endo-glucanase) para obtenção dos oligossacarídeos de xiloglucano, os OXGs. Os resultados obtidos mostram que a técnica de cromatografia dupla em gel de exclusão molecular foi eficiente para purificação dos oligossacarídeos, apresentando OXGs dos tipos XLLG e XXXG com grau de pureza próximo a 90%, e do tipo XXFG próximo de 80%. Resumo em inglês Oligosaccharides from xyloglucan, a plant cell wall polysaccharide, have been considered as signaling molecules capable of regulating cell growth and expansion. The purification of such oligosaccharides is an essential requirement to evaluate their biological activity. In the present work, xyloglucans extracted from seeds of copaiba (Copaifera langsdorffii Desf.) and bean cell suspension cultures (Phaseolus vulgaris L.) were hydrolyzed with cellulase (endo-glucanase) to o (mais) btain xyloglucan oligosaccharides (OXGs). The OXGs were separated by gel permeation chromatography and analysed by high performance anion exchange chromatography with pulse amperometric detector (HPAEC/PAD). The results indicate that these procedures were suitable for purification of OXGs since XLLG and XXXG were 90% and XXFG 80% pure, showing the expected biological activity.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

52

Isolamento de Rickettsia em cultura de células vero/ Isolation of Rickettsia in vero cell culture

Melles, Heloisa Helena Barbosa; Colombo, Silvia; Lemos, Elba Regina Sampaio de
1999-10-01

Resumo em português Embora o diagnóstico da febre maculosa baseie-se em sinais e sintomas característicos, o mesmo requer confirmação laboratorial, pois existem alguns diagnósticos diferenciais possíveis como meningococcemia, leptospirose, infecção por enterovírus e febre tifóide. A confirmação laboratorial pode ser feita através da pesquisa de anticorpos específicos, possível somente alguns dias após o aparecimento da doença, através do isolamento do agente em amostras de (mais) sangue e/ou biópsia de pele, e ainda, de amostras de carrapatos coletados do paciente ou de animais reservatório. O isolamento a partir de sangue ou biópsia de pele resulta em diagnóstico precoce da doença, pois na fase de rickettsemia ainda não há anticorpos detectáveis no sangue. Assim, com o objetivo de facilitar o diagnóstico precoce da febre maculosa, estabelecemos um método de isolamento de rickettsia em cultura de células vero. Para a padronização foi inoculada amostra padrão de Rickettsia rickettsii, cepa Sheyla Smith, cedida pelo CDC. A identificação foi feita através da reação de imunofluorescência indireta. A presença de microrganismos verdes fluorescentes visualizados no interior do citoplasma das células caracterizou o crescimento do agente. Posteriormente, a metodologia foi confirmada pelo isolamento do agente da febre maculosa em amostras de biópsia de pele de paciente proveniente de área endêmica no Estado de São Paulo, bem como, de amostras de carrapato do gênero Amblyomma, considerado o reservatório e transmissor da doença no Brasil. Resumo em inglês The diagnosis of spotted fever is based on characteristic signs and symptoms but requires laboratorial confirmation because of the possible differencial diagnosis from other diseases like leptospirosis, enterovirosis, meningococcemia and tiphoid fever. Laboratorial confirmation may be done by detection of specific antibodies which is possible only 5-10 days after the onset of the symptoms or by the isolation of Rickettsiae from blood and/or skin biopsy and from ticks coll (mais) ected in the patient or in the animal reservoir. The isolation of Rickettsiae from blood or skin biopsy results in an early diagnosis of spotted fever since in the rickettsiemic phase of the disease there is no detectable level of antibodies in the serum. With the purpose of facilitating the diagnosis of Spotted Fever we have standardized the isolation of Rickettsiae in cell culture by a method that is less time consuming and that reduces the biological risks than isolation in guinea pigs. vero cell cultures were inoculated with the Sheyla Smith strain of Rickettsia rickettsii provided by CDC (Atlanta-USA). The identification was performed by indirect immunofluorescence technique. The presence of green fluorescent organisms characterized the growth of the agent. Ulterior confirmation of the methodology was done by isolation of the spotted fever agent from skin biopsy of a patient from an endemic area and from Amblyomma ticks that are the reservoir and vector of the Brazilian spotted fever.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

53

Indução de Metabólitos Bioativos em Culturas de Células de Maytenus Ilicifolia/ Induction of bioactive metabolites in plant cell tissue culture of Maytenus ilicifolia

Buffa Filho, Waldemar; Pereira, Ana Maria Soares; França, Suzelei de Castro; Furlan, Maysa
2002-01-01

Resumo em português Visando a obtenção de triterpenos quinonametídeos em concentração apreciável protocolo para o desenvolvimento de culturas de células de M. ilicifolia foi estabelecido. Estudos visando observar a influência da luminosidade sobre o crescimento das culturas mantidas nas mesmas condições de temperatura e umidade, além da avaliação da influência de diferentes tipos de frascos, que variavam em altura, sobre o crescimento e acúmulo desses metabólitos, foram reali (mais) zados. O acúmulo desses metabólitos com comprovada atividade biológica se mostrou 100 e 3 vezes maior para a 22beta-hidroximaitenina e maitenina, respectivamente, no sistema in vitro quando comparada à planta in natura. Isto demonstra que o sistema in vitro pode se constituir em uma excelente ferramenta para a produção, em maior escala, destes metabólitos bioativos. Resumo em inglês Maytenus ilicifolia (Celastraceae) showed the accumulation of quinonamethide triterpenes, which constitute a class of secondary metabolites with comproved biological activity. Dealing on the obtention of these metabolites in a large concentration, protocol to establish cell tissue culture of Maytenus ilicifolia was developed. In order to evaluate the lightly influence under cell tissue cultures growing in the same conditions of temperature and humidity, besides the influe (mais) nce of different types of flasks over the accumulation of these metabolites were done. The accumulation of these metabolites with comproved biological activity showed 100 and 3 times higher to 20alpha-hidroxymaytenin and maytenin, respectively, and showed that the in vitro system should be an excellent tool to the production, in large scale, of these bioactive metabolites.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

54

Imunofluorescência utilizando isolados brasileiros no diagnóstico sorológico de infecção por lentivírus em caprinos/ Immunofluorescence using Brazilian isolates for serological diagnosis of lentivirus infection in goats

Reischak, Dilmara; Ravazzolo, Ana Paula; Moojen, Valéria
2002-01-01

Resumo em português Os lentivírus de pequenos ruminantes (SRLV) têm distribuição mundial e causam infecções persistentes em ovinos e caprinos. O objetivo deste trabalho foi desenvolver um teste de imunofluorescência indireta (IFA), utilizando isolados brasileiros de SRLV, para o diagnóstico sorológico de infecção por estes agentes em caprinos. A técnica de IFA foi comparada, quanto à sensibilidade e à especificidade, ao teste de AGID com antígeno do vírus Maedi-Visna WLC-1. C (mais) ultivos celulares secundários de membrana sinovial ovina infectadas com dois isolados de SRLV de origem caprina (CAEV Br/UFRGS-2 e CAEV Br/UFRGS-5) foram utilizados para o teste de IFA. Duzentas e trinta e nove amostras de soro caprino foram submetidas aos dois testes. O teste de AGID detectou 129 (53.9%) amostras de soro caprino com anticorpos para SRLV. O teste de IFA detectou mais amostras reagentes, sendo que resultados diferentes foram observados de acordo com o isolado de SRLV empregado. Quando o isolado CAEV Br/UFRGS-2 foi utilizado como antígeno, 216 (90.3%) amostras de soro caprino foram reagentes, enquanto que o isolado CAEV Br/UFRGS-5 detectou 213 (89.1%) amostras de soro positivas. Não houve diferença estatisticamente significativa entre esses dois isolados. O teste de IFA desenvolvido teve sensibilidade de 94.6% e 96.9% e especificidade 14.5% e 20%, quando os isolados CAEV Br/UFRGS-2 e CAEV Br/UFRGS-5 foram usados como antígeno, respectivamente. O aprimoramento da técnica, assim como sua comparação com um teste mais sensível, ainda se fazem necessários. No entanto, os resultados demonstraram que a técnica de IFA, utilizando isolados brasileiros de SRLV como antígeno, apresenta potencial como um teste alternativo e complementar para o diagnóstico sorológico de infecção por estes agentes. Resumo em inglês Small ruminant lentiviruses (SRLV) are distributed worldwide and cause persistent infections in sheep and goats. The purpose of this work was to develop an indirect immunofluorescent antibody (IFA) test using Brazilian SRLV isolates for serological diagnosis of infection in goats. The IFA test was compared in its sensitivity and specificity to the AGID test in which Maedi-Visna WLC-1 strain was used as antigen. Ovine synovial secondary cell cultures infected with two goat (mais) SRLV isolates (CAEV UFRGS/Br-2 and CAEV UFRGS/Br-5) were used for the IFA. Goat serum samples (n = 239) were tested by the two tests. The AGID test detected antibodies in 129 (53.9%) serum samples. A higher number of animals was considered positive for the IFA. However, different results were obtained depending on the isolate used for the antigen preparation. When CAEV UFRGS/Br-2 was used as antigen, 216 (90.3%) serum samples tested positive, against 213 (89.1%) with CAEV UFRGS/Br-5. There was no significant statistical difference between the antigens prepared with these two isolates. The IFA had sensitivity of 94.6% and 96.9%, and specificity of 14.5 % and 20%, when CAEV UFRGS/Br-2 and CAEV UFRGS/Br-5 were used as antigens, respectively. These results demonstrate that the IFA with antigens prepared with Brazilian SRLV isolates may play an important a role as a complementary serological test for the diagnosis of infections by these agents.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

55

Importância do co-cultivo com fibroblastos de camundongo 3T3 para estabelecer cultura de suspensão de células epiteliais do limbo humano/ Importance of 3T3 feeder layer to establish epithelial cultures from cell suspension obtained from corneo-scleral rims

Cristovam, Priscila Cardoso; Glória, Maria Aparecida da; Melo, Gustavo Barreto; Gomes, José Álvaro Pereira
2008-10-01

Resumo em português OBJETIVO: Avaliar a importância da presença de células 3T3 para estabelecer cultura de suspensão de células epiteliais do limbo obtido de rimas córneo-esclerais. MÉTODOS: Rimas de diferentes doadores tiveram seus estroma posterior e endotélio removidos (n=6). Cada rima foi dividida em três segmentos iguais, que foram colocados em cultura em três diferentes condições: um segmento foi colocado na placa de cultura com o lado epitelial para cima (Grupo A). Os dois (mais) segmentos restantes foram tripsinizados e a suspensão de células obtida foi cultivada com (Grupo B) ou sem (Grupo C) células 3T3 irradiadas. As células foram mantidas em meio de cultura "supplemental hormonal epithelial médium" (SHEM), a migração epitelial e a formação de clones nos grupos A, B e C foram avaliadas pela microscopia de contraste de fase e por coloração pela rodamina B. Os resultados foram comparados estatisticamente. RESULTADOS: O crescimento de células epiteliais foi observado em 4/6 rimas (Grupo A). Todas as suspensões de células epiteliais que foram cultivadas com células 3T3 (Grupo B) formaram clones. Nenhuma adesão ou formação de clones verdadeiros (holo ou meroclones) foi observada na cultura de células que foi cultivada sem 3T3 (Grupo C) (p=0,009). CONCLUSÕES: Suspensão de células epiteliais límbicas obtidas de rimas córneo-esclerais no modelo utilizado precisa ser cultivada com células 3T3 para formar clones e estabelecer colônias epiteliais com perspectivas para uso terapêutico na reconstrução da superfície ocular. Resumo em inglês PURPOSE: To evaluate the importance of the presence of 3T3 fibroblasts for establishing limbal epithelial cultures from cell suspension obtained from corneo-scleral rims (CSR). METHODS: Corneo-scleral rims from different donors (n=6) had their posterior stroma and endothelium stripped away. Each corneo-scleral rim was divided into three equal segments that were set up in tissue culture in three different conditions: one of the segments was placed with the epithelial side (mais) up on the bottom of a 6-well culture plate (Group A). The other two fragments were trypsinized and the obtained cell suspension was cultured with (Group B) or without (Group C) irradiaded 3T3 cells. The cells were cultured in supplemental hormonal epithelial medium (SHEM), the epithelial migration and clone formation in groups A, B and C were evaluated with phase contrast microscopy and rodamine B staining. RESULTS: Epithelial cell growth was observed in 4/6 rims (Group A). All epithelial cell suspensions that were cultured with 3T3 cells (Group B) formed clones. No adhesion or true clone formation (holo- or meroclones) was observed in the cell suspensions that were cultivated without 3T3 (Group C) (p=0.009). CONCLUSIONS: Epithelial cell suspension obtained from corneo-scleral rims in this model needs to be cultivated with 3T3 cells in order to form clones and establish limbal epithelial cell colonies with the potential to be used for ocular surface reconstruction.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

56

Flow Cytometry Evaluation of CD4 T Cell Cytokine Response to rDer p 10 in Mite, Snail and Shrimp Allergic Patients, Following Short-term PBMC Stimulated Cultures

Martins, Luís; Pires, Euclides; Inácio, Filipe

Estudo da resposta celular T CD4 à tropomiosina recombinante de Ácaro em indivíduos pertencentes a diferentes fenótipos em relação a alergia a caracol, ácaro e marisco.

DRIVER (Portuguese)

57

Entendendo o papel de marcadores biológicos no câncer de pulmão/ Understanding the role of biological markers in lung cancer

CAPELOZZI, VERA LUIZA
2001-11-01

Resumo em português Marcadores biológicos são componentes celulares, estruturais e bioquímicos, que podem definir alterações celulares e moleculares tanto em células normais quanto aquelas associadas a transformação maligna. Podem ser de dois tipos: 1) marcadores intermediários, que medem alterações celulares e moleculares antes do aparecimento da malignidade; 2) marcadores diagnósticos, presentes em associação com a malignidade. O processo de identificação e validação para (mais) uso clínico do marcador tem diversas etapas: identificação inicial feita em linhagens celulares do tumor em questão; teste do marcador em tecido proveniente de biópsias de pacientes com diagnóstico estabelecido do tumor em questão; teste em biópsias de tecidos normais e com processo inflamatório; teste em escarro, sangue ou urina para validação como teste não-invasivo que possa ser usado em população de alto risco. Marcadores biológicos diagnósticos sorológicos e histológicos são componentes celulares, estruturais e bioquímicos, presentes não só em células tumorais como também em células normais, que podem ser medidos quantitativamente por métodos bioquímicos, imunológicos e moleculares nos fluidos ou nos tecidos corporais, respectivamente, associados a neoplasias e possivelmente ao órgão de origem da neoplasia. Marcadores biológicos são estudados em diferentes neoplasias primárias, porém poucos tiveram seu valor clínico definido. O papel dos marcadores biológicos em câncer de pulmão ainda é incerto, pois apenas um pequeno número de marcadores foi avaliado de maneira adequada. O objetivo deste trabalho é entender o papel dos marcadores biológicos sorológicos e diagnósticos no prognóstico e sobrevida de pacientes com câncer de pulmão baseado em uma coletânea de trabalhos realizada pela autora. Apresenta-se também uma perspectiva futura para a detecção precoce do câncer de pulmão baseada no papel dos marcadores biológicos intermediários. Resumo em inglês Biological markers are cellular, structural and biochemical components that can define cellular as well as molecular changes in both normal and neoplastic cells. There are two types of biological markers: 1) intermediate markers that evaluate cellular and molecular alterations before malignancy occurs; and 2) diagnostic markers, present in association with malignancy. The identification and validation of biological markers for clinical use are performed in stages: (mais) ACE=Symbol>¨ initial identification in cell cultures of the tumor; ¨ testing of the marker in tissues obtained in biopsies of patients with an established diagnosis of the tumor; ¨ testing of biopsies of normal tissues and tissues with an inflammatory process; ¨ sputum, blood or urine tests for validation as a non-invasive test that can be used in high-risk populations. Sorologic and histopathologic biological markers are cellular, structural and biochemical components found in both normal and neoplastic cells that can be quantitatively assessed by biochemical, immunological and molecular methods in the body fluids or tissues, respectively, and may be associated with malignancies and, possibly, with the neoplastic organ. Biological markers are studied in diverse primary neoplasms. However, few of them proved to be clinically valuable. The role of biological markers in lung cancer patients remains unclear because only a small number of markers has been properly assessed. The aim of this paper is to understand the role of sorologic and histologic biological markers in the prognosis and survival of lung cancer patients based on our previous works. Furthermore, we present a future perspective of the early detection of lung cancer on the basis of the role of intermediate biological markers.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

58

Embriogênese somática a partir de calos de cultivares de laranja doce/ Somatic embryogenesis from calli of sweet orange cultivars

Castro, Lívia Mendes de; Mourão Filho, Francisco de Assis Alves; Mendes, Beatriz Madalena Januzzi; Miyata, Luzia Yuriko
2010-08-01

Resumo em português A regeneração de plantas, por organogênese ou embriogênese somática, a partir do cultivo de células e tecidos vegetais in vitro, é a base para a utilização da biotecnologia no melhoramento. O objetivo deste trabalho foi avaliar a embriogênese somática a partir de calos embriogênicos das cultivares de laranjeiras doces 'Hamlin', 'Pêra', 'Natal', 'Lima Verde' e 'Westin', em função da composição dos meios de cultura relacionada à fonte e concentração de d (mais) iferentes carboidratos, utilizando-se meio de cultura MT modificado com 500mg L-1 de extrato de malte, acrescido de sacarose, galactose, glicose, sorbitol, lactose ou maltose, nas concentrações de 18, 37, 75, 110 ou 150mM à 27°C. O delineamento experimental utilizado foi inteiramente casualizado, em esquema fatorial cinco (cultivares) x seis (fontes de carboidratos) x cinco (concentrações das fontes de carboidratos no meio de cultura), com cinco repetições. A formação de embriões somáticos variou conforme a cultivar, e as laranjeiras 'Hamlin' e 'Natal' registraram o maior número de embriões, enquanto 'Lima Verde' e 'Westin' apresentaram menores números. A melhor fonte de carboidratos para indução de embriogênese somática foi a maltose, seguida pela lactose, nas concentrações de 37 e 75mM. Embriogênese somática não foi observada nos meios de cultura contendo galactose, glicose ou sorbitol para nenhuma cultivar estudada. Resumo em inglês Plant regeneration, by organogenesis or somatic embryogenesis, from cell cultures and in vitro plant tissue culture is the basis for biotechnology usage in plant breeding. This research aimed to evaluate somatic embryogenesis from embryogenic calli of 'Hamlin', 'Pêra', 'Natal', 'Lima Verde', and 'Westin' sweet orange cultivars related to culture medium composition as source and concentration of carbohydrates with the use of MT culture medium modified with 500mg L-1 of ma (mais) lt extract, supplemented with sucrose, galactose, glucose, maltose, lactose, or sorbitol at concentrations of 18, 37, 75, 110 or 150mM at 27°C. Statistical design were complete randomized, in a factorial five (cultivars) x six (carbohydrate source) x six (carbohydrate concentration in culture medium) with five replicates. The production of somatic embryos varied with the genotype, as 'Hamlin' and 'Natal' cultivars registered higher number of embryos, whereas 'Lima Verde' and 'Westin' showed lower numbers. The best carbohydrate source was maltose, followed by lactose at concentrations of 37 and 75mM. Somatic embryogenesis was not observed on culture media supplemented with galatose, glucose or sorbitol in any studied cultivar.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

59

Efeito prebiótico do mel sobre o crescimento e viabilidade de Bifidobacterium spp. e Lactobacillus spp. em leite/ Prebiotic effect of honey on growth and viability of Bifidobacterium spp. and Lactobacillus spp. in milk

Macedo, Lívia Nolasco; Luchese, Rosa Helena; Guerra, André Fioravante; Barbosa, Celso Guimarães
2008-12-01

Resumo em português Para ser considerado prebiótico, um microrganismo deve atender a uma série de requisitos, sendo a manutenção da viabilidade, um dos principais. Culturas probióticas de Lactobacillus spp. e Bifidobacterium spp. foram cultivadas em leite em pó desnatado reconstituído 12% adicionado de 3% (p/v) de mel pasteurizado. Foram preparados controles sem mel. Todos os cultivos mantiveram-se viáveis por 46 dias a 7 °C atendendo o número mínimo exigido pela legislação. O m (mais) aior número de células viáveis de L. casei-01 e L. casei Shirota (>9,0 log10 UFC.mL-1) foi observado nos cultivos contendo mel. A acidez titulável produzida por estas culturas foi de 1,44%. O número de células viáveis de L. acidophilus Sacco® aos 46 dias em cultivos com mel foi significativamente maior (p Resumo em inglês To be considered prebiotic, a microorganism must fulfill a series of requirements and the maintenance of viability is a major one. Probiotic cultures of Lactobacillus spp. and Bifidobacterium spp. were cultured in 12% (w/v) reconstituted nonfat dry milk containing 3% (w/v) of pasteurized honey. Controls without honey were prepared. All cultures remained viable for up 46 days at 7 °C conforming to the regulation requirement. The higher cell number of L. casei-01 and L. ca (mais) sei Shirota (>9.0 log10 CFU.mL-1) were maintained in the presence of honey. The titratable acidity produced by these cultures was of 1.44%. On the 46th day of storage, the number of L. acidophilus Sacco® viable cells in the presence of honey was significantly higher (p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

60

Efeito de sistema de cultivo, célula somática e soro em co-cultura sobre o desenvolvimento de embriões bovinos fecundados in vitro/ Effects of culture system, somatic cells and serum in co-culture on the development of in vitro fertilized bovine embryos

Camargo, L.S.A.; Sá, W.F.; Ferreira, A.M.; Viana, J.H.M.
2001-02-01

Resumo em português O objetivo deste experimento foi o de avaliar o efeito de sistemas de cultivo e de diferentes células somáticas e soro bovino na co-cultura sobre a produção de embriões bovinos fecundados in vitro. No experimento um avaliou-se o efeito do sistema de co-cultura com células da tuba uterina e do sistema "definido". No experimento dois utilizaram-se células da granulosa ou da tuba uterina para a co-cultura em meio CR1aa (Charles Rosenkrans). No experimento três utiliz (mais) ou-se soro de vaca em cio (SVC) ou soro fetal bovino (SFB), ambos em co-cultura com células da granulosa em CR1aa. Os ovócitos utilizados foram obtidos de ovários colhidos em matadouro e maturados in vitro em meio 199 com soro de vaca em cio e FSH por 24h. Após a maturação, os ovócitos foram fecundados in vitro por 22h e posteriormente divididos aleatoriamente nos tratamentos. Avaliaram-se a taxa de clivagem no dia três do cultivo, a produção de blastocistos nos dias sete e oito, e de blastocistos eclodidos nos dias nove e dez. Não houve diferença entre os sistemas em co-cultura e "definido" quanto à taxa de clivagem (80,7% e 75,4%) e de produção de blastocisto (19,4% e 17,7%). Entretanto, a taxa de blastocistos eclodidos foi superior para o sistema em co-cultura (37,5%) quando comparado com o sistema "definido" (8,7%). O cultivo embrionário em células da tuba uterina ou da granulosa resultaram em taxas de clivagem, produção de blastocisto e blastocistos eclodidos semelhantes entre si (65,5% e 66,7% de clivagem, 11,6% e 13,7% de blastocistos e 23,1% e 50,0% de blastocistos eclodidos; P>0,05), bem como o cultivo com SFB ou SVC (63,9% e 70,2% de clivagem, 14,3% e 8,7% de blastocisto e 41,2% e 33,3% de blastocistos eclodidos; P>0,05). Conclui-se que o sistema de cultivo "definido" pode ser utilizado para estudos com cultivo de embriões in vitro, no entanto, os resultados quanto à taxa de eclosão ainda são inferiores ao sistema em co-cultura. As células da granulosa e da tuba uterina possuem efeito semelhante sobre o desenvolvimento embrionário, assim como o soro de vaca em cio e o soro fetal bovino, quando em co-cultura. Resumo em inglês The aims of this study were to evaluate the effects of culture system and different somatic cells and bovine serum in co-culture on in vitro production of bovine embryos. On the first experiment oviduct epithelial cells for co-culture system in CR1aa (Charles Rosenkrans) medium for "defined" system were studied. On the second experiment granulosa or oviduct epithelial cells, both in CR1aa medium were used. On the third experiment estrous cow serum (ECS) or fetal calf seru (mais) m (FCS), both in granulosa cells co-culture in CR1aa medium was used. Bovine cumulus-oocytes complexes, obtained from ovaries collected at slaughterhouse, were matured in vitro in medium 199 added with ECS and FSH for 24h. Right after, the oocytes were fertilized in vitro for 22h and randomly divided in the treatments of the experiments. The cleavage rate was evaluated on day three, the blastocyst production on seventh and eighth days and the hatched blastocysts on ninth and tenth days. No differences were obtained (P>0.05) between co-culture and "defined" systems on the cleavage rate (80.7% and 75.4%) and on the blastocysts production (19.4% and 17.7%). However, the hatched blastocyst rate was higher (P0.05), as well as with FCS and ECS (63.9% and 70.2% of cleavage, 14.3% and 8.7% of blastocyst and 41.2% and 33.3% of hatched blastocyst; P>0,05). The results show that the "defined" system can be used for in vitro embryo culture studies. Nevertheless, the hatched blastocyst rate was higher in co-culture system. Granulosa and oviduct epithelial cells had similar effects on the in vitro embryonic development. Similar results were also obtained using estrous cow serum and fetal calf serum, when in granulosa cells co-culture.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

61

Efeito da Mannheimia granulomatis sobre cultivo de fibroblastos/ Effect of Mannheimia granulomatis on fibroblastos cultures

Ladeira, S.; Gomes, F.R.; Vidor, T.; Portianski, E.L.; Gimeno, E.J.
2008-04-01

Resumo em inglês Primary cultures of Mannheimia granulomatis were established in chicken embryos to assess their capacity to stimulate fibroblast proliferation. The capacity of the bacterium-activated macrophages to stimulate cytokine and enzyme proliferation was assessed in a mouse peritoneum macrophage culture. To evaluate the bacteria infection on fibroblasts and their growth within 48h in relation to the active macrophages, cultures were washed and trypsinized and the cells counted. R (mais) esults showed no significant differences when the bacteria-infected fibroblasts were mixed with bacterial extract (P=0.9682). The treatment using just products of macrophages resulted similar to the negative control. Significant differences on cell proliferation were established (P=0,0039) when the products of M. granulomatis-activated macrophages were used, meaning that bacterial components were unable to promote fibroblast increase. Further research is needed to elucidate the effect of M. granulomatis on the macrophages.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

62

Duddingtonia flagrans: controle biológico de nematodeos de bovinos a campo/ Duddingtonia flagrans: biological control of cattle nematodes in the field

Jobim, Marta Bañolas; Santurio, Janio Morais; De La Rue, Mario Luiz
2008-11-01

Resumo em português O controle biológico é um método para diminuir uma população pela utilização de antagonista natural. No presente estudo, testou-se a eficácia do fungo nematófago Duddingtonia flagrans no controle de nematódeos parasitos gastrintestinais de bovinos criados à campo no município de Júlio de Castilhos. Foram utilizados 20 bezerros, distribuídos igualmente em duas áreas formadas por pastagem nativa. O grupo A foi tratado com o fungo D. flagrans, cultivado em sor (mais) go, numa concentração de 1x10(6)clamidósporos kg-1 de peso animal, misturados em ração de manutenção, diariamente, durante oito meses. O grupo B serviu como controle e não recebeu fungo, apenas ração. Foram coletadas amostras para contagem de ovos por grama de fezes (OPG) semanalmente. Mensalmente, foram realizadas coproculturas para identificar as espécies de larvas de nematódeos, a pesagem dos animais e a coleta de pasto para contagem das larvas na pastagem. Dados de temperatura e índice pluviométrico foram registrados diariamente. O OPG foi reduzido no grupo tratado, em média 56,8,% nos últimos três meses de experimento, variando entre 40,4 e 67,1% no grupo tratado (P Resumo em inglês Biological control is an alternative method to reduce parasite's population by the use of natural antagonist. In the present study, efficacy of nematophagous fungus Duddingtonia flagrans was tested to control gastrointestinal nematodes parasites of cattle livestock in the field. Twenty calves were used, distributed equally in two distinct plots formed by native pasture. Group A was treated with D. flagrans fungus, cultivated in sorghum (1x10(6) clamidospores kg-1 body wei (mais) ght) mixed with maintenance ration, each day, during eight months. Group B served as a control and did not receive the fungus. Samples for faecal egg count (FEC), were collected each week. There were monthly counts in faecal cultures to identify the species of nematodes larvae, animals weight, blood collection to determine red cell counts and collection of pasture to larvae counting. Temperature and rainfall data were registered daily. The FEC reduced around 56.8% in the last three months of the experiment, with a variation between 40.4 and 67.1% in the treated group (P

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

63

Células fúngicas permanecem viáveis por até doze dias em lesões de cromomicose tratadas pela criocirurgia com nitrogênio líquido/ Fungal cells remain viable for up to 12 days in chromomycosis lesions treated by cryosurgery with liquid nitrogen

Castro, Luiz G. M.; Salebian, Alberto; Lacaz, Carlos da Silva
2003-06-01

Resumo em português FUNDAMENTOS: A criocirurgia com nitrogênio líquido (C-N2L) é um método terapêutico que vem sendo usado com freqüência crescente no tratamento da cromomicose. Acreditava-se anteriormente que as temperaturas baixas poderiam destruir o agente infectante, mas foi demonstrado que as culturas fúngicas em temperaturas tão baixas como -196°C não causaria a morte do mesmo. Apesar da comprovada eficácia, ainda não se conhece o exato mecanismo de cura. OBJETIVO: Avaliar (mais) o período de persistência de fungos viáveis em lesões de cromomicose tratadas pela C-N2L. PACIENTES E MÉTODOS: Cinco pacientes com cromomicose tiveram suas lesões tratadas pela C-N2L. Foram colhidos, em diferentes intervalos de tempo após a criocirurgia, fragmentos do tecido tratado. A coleta, realizada com punch de 4mm, foi feita em três períodos diferentes: de 0 a 48h, de cinco a sete dias e de 10 a 14 dias após a realização da criocirurgia. Os fragmentos obtidos foram inoculados em Agar Sabouraud para verificação de crescimento de colônias fúngicas. Cada paciente teve um total de três amostras colhidas, uma em cada um dos três períodos mencionados. RESULTADOS: O crescimento de colônias foi maior nas coletas mais precoces, enquanto nas amostras colhidas entre o pós-operatório imediato e o quinto dia de pós-operatório o índice de viabilidade foi de 7/8 (87,5%), e naquelas colhidas a partir do sexto dia de pós-operatório foi de apenas 2/7 (28,5%). O maior período de pós-operatório que demonstrou positividade foi de 12 dias. CONCLUSÃO: Os resultados confirmam os achados anteriores, os quais demonstraram que as baixas temperaturas alcançadas pela C-N2L não são responsáveis pela destruição dos fungos nas lesões de cromomicose. Os autores acreditam que fenômenos biológicos tardios, como necrose ou imunoestimulação sejam os verdadeiros responsáveis pela erradicação dos fungos nas lesões de cromomicose. Resumo em inglês BACKGROUND: Several authors have reported on cryosurgery with liquid nitrogen (C-LN2) as an efficacious method to treat chromomycosis (CM). At first it was believed that low temperatures would destroy the infecting agents, but it was demonstrated that exposing fungal cultures to temperatures as low as -196° C did not cause fungal death. Cure mechanism has yet to be entirely understood. OBJECTIVE: To study fungal cell viability in CM lesions treated with C-LN2. METHOD: Sp (mais) ecimens of CM lesions treated with C-LN2 were obtained by punch biopsy and seeded in Sabouraud agar. Three specimens were obtained from each of the 5 patients at 3 different occasions: 0 to 48 h after C-LN2, 5 to 7 days and 10 to 14 days. RESULTS: Colony growth was obtained with greater frequency when specimens were collected at earlier time intervals. While specimens obtained during the first 5 days after cryosurgery provided 7/8 colonies (87,5%), those obtained after the 6th post-op day were positive only in 2/7 cases (28,5%). The longest post-op time interval giving rise to a colony was 12 days. CONCLUSION: The present study suggests that tissue changes induced by C-LN2 are responsible for fungal eradication rather than low temperatures themselves. Fungal cells may be found in a viable state for up to 12 days after C-LN2.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

64

Crescimento e composição química de dez espécies de microalgas marinhas em cultivos estanques/ Growth and chemical composition of ten species of marine microalgae in batch cultures

Borges-Campos, Viviane; Barbarino, Elisabete; Lourenço, Sergio de Oliveira
2010-02-01

Resumo em português Microalgas apresentam diversas aplicações econômicas consagradas, como usos na aquicultura e na indústria de alimentos, havendo buscas por novos usos, como a geração de biomassa para produção de biodiesel. As possíveis aplicações estão diretamente relacionadas à taxa de crescimento e ao perfil químico das espécies. Assim, a seleção de condições que promovam o aproveitamento da biomassa algácea é fundamental para sua utilização econômica. Neste estu (mais) do, 10 espécies de microalgas marinhas foram cultivadas e comparadas quanto ao crescimento e à composição química. Foram observadas diferenças na velocidade de crescimento, com espécies de células menores crescendo mais rapidamente que microalgas maiores. Teores de proteínas, carboidratos, lipídeos e pigmentos fotossintetizantes variaram amplamente entre as espécies, sendo as proteínas as substâncias mais abundantes. Todas as espécies apresentaram concentrações de ácidos aminados semelhantes, sendo os ácidos aspártico e glutâmico os mais abundantes. Algumas espécies apresentaram altas concentrações de ácidos graxos de importância econômica, como os ácidos eicosapentaenoico e linoleico. O balanço dos resultados indica que há poucas tendências gerais relacionadas a grandes grupos taxonômicos. Resumo em inglês Microalgae show several economic applications, such as uses in aquaculture and in food industry, and there is a search for new uses, such as the biomass production to convert into biodiesel. All possible applications are directly linked to growth rate and the chemical profile of the species. Thus, the selection of conditions to promote a better use of algal biomass is fundamental for economic purposes. In this study, 10 species of marine microalgae were cultured and compa (mais) red for growth and chemical composition. Remarkable differences of growth performance have been observed, with species with small cell volumes growing faster than species with large cell volumes. Levels of protein, carbohydrate, lipid and photosynthetic pigments varied widely, and proteins were identified as the most abundant substances. Some species showed high concentrations of fatty acids of economic importance, such as eicosapentaenoic and linoleic acids. The concentrations of amino acids were similar among species. In all microalgae, glutamic and aspartic acids were the most abundant amino acids. An overall evaluation of the results indicates that few general trends related to the taxonomy of algal groups were recognized.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

65

Controle de esterilidade de produtos de células progenitoras hematopoéticas do sangue periférico/ Sterility control of hematopoietic progenitor cells from peripheral blood products

Almeida, Igor D.; Coitinho, Adriana S.; Juckowsky, Clarice A.; Schmalfuss, Tissiana; Balsan, Almeri M.; Röhsig, Liane M.
2010-02-01

Resumo em português A taxa de contaminação microbiana dos produtos de células progenitoras hematopoéticas do sangue periférico é baixa. Neste estudo pesquisou-se a prevalência de hemoculturas positivas em células progenitoras hematopoéticas do sangue periférico (CPHSP) no Serviço de Hemoterapia do Hospital de Clínicas de Porto Alegre. Do total de 618 coletas realizadas no período de 2000 a 2007, 26 (4,2%) apresentaram contaminação por bactérias. O Staphylococcus coagulase-neg (mais) ativo foi predominantemente isolado nas hemoculturas. A antibioticoterapia pré e pós-infusão foi estabelecida de acordo com o microorganismo e seu antibiograma, sendo que, em cinco das doze infusões contaminadas realizadas, não foram administrados antimicrobianos profilaticamente. Episódios febris foram observados em sete pacientes (58%), enquanto cinco (42%) não apresentaram febre. Das doze infusões contaminadas realizadas, seis (50%) apresentaram hemocultura pós-descongelamento positivas, enquanto as restantes (50%) foram negativas. Isto se deve às propriedades bactericidas do DMSO, de células fagocitose-ativas e de temperaturas muito baixas atingidas na criopreservação. Autores têm relatado sucesso neste procedimento após a infusão desses produtos contaminados com o mínimo de consequências clínicas. Resumo em inglês The rate of microbial contamination of hematopoietic progenitor cell products from peripheral blood is low. In this study, we investigated the prevalence of positive blood cultures of hematopoietic progenitor cells from peripheral blood in a hemotherapy service. Of a total of 618 samples taken during the period from 2000 to 2007, 26 (4.2%) were contaminated by bacteria. Staphylococcus coagulase-negative was the predominant bacterium isolated in blood cultures. Pre- and po (mais) st-infusion antibiotic therapy was established depending on the microorganism and antibiogram, whereas in five out of twelve contaminated infusions, no antibiotics were administered prophylactically. Febrile episodes were observed in seven patients (58%), while five (42%) did not suffer from fever. Of the twelve contaminated infusions performed, six (50%) of the samples had positive blood cultures after thawing, while the others (50%) were negative. This is due to the bactericidal properties of DMSO, phagocytosis-active cells and the extremely low temperatures during cryopreservation. Authors have reported success in the procedure after the infusion of contaminated products with minimal clinical consequences.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

66

Caracterização de herpesvírus bovinos tipos 1 (BHV-1) e 5 (BHV-5) com anticorpos monoclonais/ Monoclonal antibody characterization of bovine herpesviruses types 1 (BHV-1) and 5 (BHV-5)

Souza, V.F.; Melo, S.V.; Esteves, P.A.; Schmidt, C.S.; Gonçalves, D.A.; Schaefer, R.; Silva, T.C.; Almeida, R.S.; Vicentini, F.; Franco, A.C.; Oliveira, E.A.; Spilki, F.R.; Weiblen, R.; Flores, E.F.; Lemos, R.A.; Alfieri, A.A.; Pituco, E.M.; Roehe, P.M.
2002-01-01

Resumo em português O perfil antigênico de 45 herpesvírus (44 de bovinos, sendo seis amostras de referência de BHV-1 e 15 prováveis BHV-1; três amostras de referência de BHV-5 e 20 prováveis BHV-5) e uma amostra de herpesvírus bubalino (BuHV) foi examinado com um painel de anticorpos monoclonais (Acms) produzidos contra antígenos de herpesvírus bovinos. Para os exames, foi utilizada a prova de imunoperoxidase (IPX) sobre cultivos de células infectadas, tendo os Acms como anticorpo (mais) s primários. A determinação dos padrões de reatividade das amostras de vírus frente aos Acms permitiu a diferenciação entre os tipos 1 e 5. Todas as amostras isoladas de casos de encefalite apresentaram perfil de BHV-5. Quatro amostras de BHV-5 isoladas de áreas geograficamente distintas apresentaram perfís de reatividade diferenciados em relação às demais amostras do tipo 5. Duas amostras de vírus com perfil antigênico de BHV-5 foram isoladas de sêmen de animais infectados. Estes resultados comprovam a utilidade da caracterização antigênica com este painel de Acms na tipagem de amostras de BHV-1 e BHV-5. Resumo em inglês The antigenic profile of 45 herpesviruses (44 viruses from cattle, including six reference BHV-1 strains and 15 putative BHV-1; three reference BHV-5 strains and 20 putative BHV-5) and one buffalo isolate (BuHV) were examined with a panel of monoclonal antibodies (Mabs) prepared against bovine herpesvirus antigens. Tests were performed by immunoperoxidase (IPX) on infected cell cultures, with the Mabs as primary antibodies. Immunostaining allowed the differentiation betwe (mais) en types 1 and 5 viruses. All isolates from cases of encephalitis displayed BHV-5 profiles. Four BHV-5 isolates obtained from geographically distinct areas displayed different and highly variable IPX patterns of reactivity. Two viruses with BHV-5 antigenic profile were isolated from semen of asymptomatic bulls. The results showed that the antigenic characterization with the Mab panel employed here is useful for typing BHV-1 and BHV-5 isolates.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

67

Beta - caroteno e câncer/ Beta - carotene and cancer

Naves, Maria Margareth Veloso
1998-12-01

Resumo em português Há mais de vinte anos tem-se pesquisado sobre a relação entre β-caroteno e câncer. Inúmeros trabalhos têm tentado esclarecer a hipótese, formulada a partir de achados epidemiológicos e experimentais, de que o carotenóide poderia agir como anticarcinogênico de origem alimentar. Estudos epidemiológicos observacionais, tipo caso-controle e coorte, sugerem que o consumo elevado de frutas e vegetais ricos em β-caroteno reduz o risco de câncer, especialmen (mais) te de pulmão. Estudos de intervenção em humanos, administrando doses farmacológicas crônicas a milhares de indivíduos, têm demonstrado resultados contraditórios. Pesquisas em animais experimentais e em cultura de células apontam o carotenóide como quimiopreventivo, agindo sobretudo como retinóides, através de conversão metabólica extra-intestinal e como antioxidante de membrana. Conclui-se que o β-caroteno pode proteger contra o câncer, quando suplementado em doses fisiológicas, isto é, cerca de 4 a 6mg/dia. Doses farmacológicas crônicas não estão recomendadas para indivíduos saudáveis e particularmente para tabagistas. Resumo em inglês The subject β-carotene and cancer has been studied for more than twenty years, through epidemiologic and experimental researches.Observational epidemiologic studies, both prospective and retrospective, have suggested strongly that high intake of vegetables and fruits which are sources of β-carotene is associated with reduced risk of cancer, specially of lung cancer. However, the results of intervention trials do not demonstrate a preventive potential of β-c (mais) arotene. Nevertheless, in many studies in experimental animals and in cell cultures, this carotenoid had been shown to act as a potent cancer chemopreventive agent and mechanisms have been proposed to explain this protective effect on biological systems. Researchers suggest that β-carotene protects against cancer, in the amounts easily attained by the consumption of a wide variety of diets, and the chronic pharmacological supplementation is not recommended for healthy populations and for heavy smokers.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

68

Avaliação in vitro das atividades antiinflamatória, antioxidante e antimicrobiana do alcalóide montanina/ In vitro evaluation of the antioxidant, anti-inflammatory and antimicrobial activities of the montanine alkaloid

Castilhos, Tatiana S.; Giordani, Raquel B.; Henriques, Amélia T.; Menezes, Fábio S.; Zuanazzi, José Ângelo S.
2007-06-01

Resumo em português Diversas propriedades biológicas, dentre as quais atividade antiparasitária, antitumoral, antiviral e anticolinesterásica são associadas aos extratos e produtos isolados, incluindo alcalóides de espécies de Amarilidáceas. Neste trabalho verificou-se para o alcalóide montanina, isolado dos bulbos de Rhodophiala bifida (Herb.) Traub (Amaryllidaceae), atividade antioxidante e ação inibitória sobre o crescimento de culturas de Saccharomyces cerevisae (ATCC 2601), P (mais) seudomonas aeruginosa (ATCC 27853), Staphylococcus aureus (ATCC 6538), Staphylococcus epidermides (ATCC 12228) e Escherichia coli (ATCC 25922). A atividade antiinflamatória avaliada através da determinação da capacidade antiquimiotáxica da amostra apresentou resultados não significativos na dose empregada. Resumo em inglês Several biological properties, such as antiparasite, antitumor, antiviral and anticholinesterasic activities, are associated with extracts and isolated products, including alkaloids from Amaryllidaceae species. In this study, the antioxidant activity and inhibitory action on the growth of cell cultures of Saccharomyces cerevisae (ATCC 2601), Pseudomonas aeruginosa (ATCC 27853), Staphylococcus aureus (ATCC 6538), Staphylococcus epidermides (ATCC 12228) and Escherichia coli (mais) (ATCC 25922) were observed to the montanine alkaloid, isolated from the bulbs of Rhodophiala bifida (Herb.) Traub (Amaryllidaceae). The anti-inflammatory activity, which was evaluated through the sample antichemotaxis ability determination, was not significant in the used dose.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

69

Avaliação da sensibilidade da cultura de leite do tanque para isolamento de agentes contagiosos da mastite bovina/ Evaluation of the sensitivity of bulk tank milk cultures for the isolation of contagious bovine mastitis pathogens

Brito, Maria Aparecida V. P.; Brito, José Renaldi F.; Souza, Heloiza Maria de; Vargas, Otacílio Lopes
1998-01-01

Resumo em português Amostras de leite total (leite do tanque) de 33 rebanhos foram coletadas na plataforma de recepção da indústria laticinista e cultivadas para detectar patógenos específicos (contagiosos) da mastite. Foi feita a contagem de células somáticas (CCS) das amostras utilizando o equipamento Fossomatic 90. Em 13 e 12 rebanhos avaliaram-se duas e três amostras semanais consecutivas, respectivamente, e em oito avaliou-se apenas uma. Foram também examinadas três amostras d (mais) iárias consecutivas do leite do tanque e amostras dos quartos mamários individuais, coletadas na própria fazenda, de todas as vacas em lactação de quatro rebanhos (A, B, C e D). As amostras de leite dos quartos mamários individuais foram cultivadas em ágar sangue e as amostras do tanque, em placas de TKT, Sal Manitol, MacConkey e Sabouraud contendo cloranfenicol. Dos 33 rebanhos cujas amostras foram obtidas na plataforma de recepção da indústria, isolou-se Staphylococcus aureus de 26, nove desses em associação com Streptococcus agalactiae e em três rebanhos isolou-se somente S. agalactiae. Nove rebanhos tiveram CCS acima de 500.000 ml-1 e 21, abaixo de 400.000 ml-1. Em cinco dos nove rebanhos com CCS acima de 500.000 ml-1 foram isolados S. aureus e S. agalactiae, em três, apenas S. aureus e em um, apenas S. agalactiae. Seis rebanhos apresentaram CCS abaixo de 200.000 ml-1; de um deles foram isolados S. aureus e S. agalactiae, de três, S. aureus e os outros dois foram negativos para estes dois patógenos. Os resultados encontrados nos quatro rebanhos cujas amostras foram coletadas na própria fazenda mostraram que S. aureus foi isolado nas seguintes porcentagens dos animais: 1,8%, 19,2%, 17,0% e 8,4% e dos quartos mamários: 0,9%, 5,9%, 5,4% e 2,2%, respectivamente, para os rebanhos A, B, C e D. S. agalactiae foi isolado dos rebanhos A, C e D. Nestes três rebanhos, as porcentagens de isolamento foram, respectivamente, 1,8%, 10,6% e 8,4% para as vacas e 0,46%, 3,8% e 3,7% para os quartos mamários. S. aureus foi isolado de todas três amostras do tanque dos rebanhos A, B e D. Somente a terceira amostra do rebanho C foi positiva para S. aureus. S agalactiae foi recuperado de todas as amostras do rebanho D, duas do rebanho C e de uma do rebanho A. Todas as amostras do tanque dos rebanhos A, B, C e D apresentaram contaminação com coliformes e somente uma das amostras coletadas na plataforma de recepção da indústria foi negativa para coliformes. Leveduras foram isoladas de 16 amostras coletadas na indústria e de todas amostras do tanque dos rebanhos A, B, C e D. Não foram isolados coliformes ou leveduras dos quartos mamários dos animais destes rebanhos, sugerindo que ocorreu contaminação do leite durante ou após a ordenha, provavelmente devido a deficiências nos processos de limpeza e higienização. A análise dos resultados das culturas do leite do tanque mostrou que o exame foi específico para detectar os patógenos contagiosos da mastite. A sensibilidade do teste aumentou quando se examinaram mais de duas amostras consecutivas. Resumo em inglês Samples of bulk tank milk from 33 herds were collected at the dairy processing plant and cultured, as a means of detecting specific (contagious) bovine mastitis pathogens. Somatic cell counts (SCC) were made on a Fossomatic 90. Two and three weekly consecutive samples were obtained from 13 and 12 herds, respectively. Only one sample was examined from eight herds. Three daily consecutive samples of bulk milk and individual quarter samples from all lactating cows from four (mais) herds (A, B, C and D) were also examined. Milk from individual quarters were cultured on blood agar, while tank milk samples were cultured on TKT, Mannitol Salt, MacConkey agars and Sabouraud containing chloramphenicol. Staphylococcus aureus was recovered from 26 of the 33 herds sampled in the dairy processing plant. Nine of these samples also contained Streptococcus agalactiae. Nine herds had SCC above 500,000 ml-1. The remaining 23 herds had SCC levels below 400,000 ml-1. S. aureus and S. agalactiae were isolated from five of the nine herds with high SCC, S. agalactiae from one and S. aureus from three. Six herds had SSC below 200,000 ml-1. S. aureus and S. agalactiae were isolated from one, S. aureus from three, while the other two were negative for both pathogens. The results of herds A, B, C and D sampled at the farms showed that S. aureus was isolated from 1.8%, 19.2%, 17.0% and 8.4% of the animals and 0.9%, 5.9%, 5.4% and 2.2% of the mammary quarters, respectively. S. agalactiae was isolated from herds A, C and D. Within these herds the percentages of isolation were, respectively, 1.8%, 10.6% and 8.4% for the cows and 0.46%, 3.8% and 3.7% for the mammary quarters. S. aureus was recovered from all three bulk tank cultures from herds A, B and D. Only the third sample from herd C was positive for S. aureus. S. agalactiae was recovered from all samples collected from herd D, two samples from herd C and one sample from herd A. Coliforms were isolated from all tank samples from herds A, B, C and D and from all but one sample collected in the processing plant. Yeasts were recovered from 16 herds sampled at the processing plant and from all tank samples from herds A, B, C, and D. Neither coliforms or yeasts were isolated from the individual animals of herds A, B, C and D. These findings indicate that the milk was contaminated during or after milking, probably due to deficient hygiene and cleaning procedures. The analysis of the bulk tank milk cultures showed that the test was sensitive enough to detect contagious mastitis pathogens. The sensitivity of the test increased when more than two consecutive samples were examined.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

70

2-fenilbenzotriazóis (PBTA): uma nova classe de contaminantes ambientais/ 2-phenylbenzotriazoles (PBTAs): a new class of environmental contaminants

Kummrow, Fábio; Umbuzeiro, Gisela de Aragão
2008-01-01

Resumo em inglês This work is a literature review of PBTAs, the phenylbenzotriazoles generated from the reduction and chlorination of azo dyes. The PBTAs and the non- chlorinated PBTAs were isolated for the first time from river blue rayon organic extracts that showed high mutagenic activity in the Salmonella/microsome genotoxicity assay. To date, 8 PBTAs have been identified and beside their mutagenic activity in bacteria they cause genotoxic effects in fish and mammalian cell cultures. (mais) Due to the large number of textile dyeing facilities in Brazil, studies to determine them in the aquatic environment seem to be relevant.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)