Sample records for antihistamines
from WorldWideScience.org

Sample records 1 - 13 shown.



1

Novos anti-histamínicos: uma visão crítica/ New antihistamines: a critical view


2006-11-01

OBJETIVO: Avaliar criticamente os mais novos anti-histamínicos anti-H1 e os diferentes termos utilizados para denominá-los, com base na revisão de evidências sobre o papel dos anti-H1 no tratamento das doenças alérgicas. FONTES DOS DADOS: Artigos originais, revisões e consensos indexados nos bancos de dados MEDLINE e PUBMED de 1998 a 2006. Palavra chave: anti-histamínicos. SÍNTESE DOS DADOS: Os anti-histamínicos de segunda geração diferenciam-se dos de primeir

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

2

Histamina, receptores de histamina e anti-histamínicos: novos conceitos/ Histamine, histamine receptors and antihistamines: new concepts


2010-04-01

As drogas com ação anti-histamínica estão entre as medicações mais comumente prescritas na prática dermatológica diária, tanto em adultos como em crianças. Este artigo aborda os novos conceitos da função dos receptores de histamina (receptores H1) e discute os efeitos anti-inflamatórios dessas drogas. A segunda geração de anti-histamínicos difere da primeira geração devido a sua elevada especificidade e afinidade pelos receptores H1 periféricos e devido

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

3

Ginecomastia induzida por anti-histamínicos no tratamento da urticária crônica/ Antihistaminic-induced gynecomastia in chronic urticaria treatment


2007-06-01

Os anti-histamínicos são drogas muito usadas na prática do dermatologista, sendo a primeira escolha no tratamento da urticária crônica. Os efeitos colaterais mais comuns são os relacionados ao sistema nervoso central. A ginecomastia é decorrente de várias causas, entre elas a indução por drogas. Apresenta-se caso de ginecomastia induzida por anti-histamínico H1,em paciente em tratamento de urticária crônica. A investigação laboratorial e radiológica descar

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

4

Urticária/ Urticaria


2005-12-01

A urticária apresenta-se com diversas formas clínicas e causas distintas. Constitui uma das dermatoses mais freqüentes: 15% a 20% da população têm pelo menos um episódio agudo da doença em sua vida, resultando em percentual que varia de um a 2% dos atendimentos nas especialidades de Dermatologia e Alergologia. A urticária é classificada do ponto de vista de duração da evolução temporal em aguda (inferior a seis semanas) ou crônica (superior a seis semanas).

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

5

Rinite alérgica: aspectos epidemiológicos, diagnósticos e terapêuticos/ Allergic Rhinitis: epidemiological aspects, diagnosis and treatment


2008-04-01

Este estudo tem como objetivo revisar a literatura a respeito da rinite alérgica quanto aos aspectos epidemiológicos, clínicos, diagnósticos e terapêuticos. A revisão da bibliografia foi realizada utilizando-se as bases de dados Medline, Literatura Latino-Americana e do Caribe em Ciências da Saúde e HighWire, nos últimos trinta anos, utilizando-se os descritores allergic rhinitis, epidemiology, diagnosis, e treatment. Foram selecionados 60 artigos. Este estudo de

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

6

Reações de hipersensibilidade imediatas após uso intravenoso de soros antivenenos: valor prognóstico dos testes de sensibilidade intradérmicos/ Immediate hypersensitivity reactions following intravenous use of antivenom sera: predictive value of hypersensitivity skin test


1991-04-01

Foram admitidos no Hospital das Clínicas da FMRPUSP, durante os anos de 1983 a 1988, 494 pacientes vítimas de acidentes ofídicos e escorpiônicos que receberam soro antiveneno (SAV) e nos quais foi avaliada a freqüência e tipo das manifestações imediatas, bem como o valor prognóstico do teste de sensibilidade. Do total de pacientes vítimas de ofidismo, 82 (25,6%) apresentaram reações imediatas, das quais as mais comuns foram as cutâneas, isoladas (40%) ou asso

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

7

Pesquisa de gliadina em medicamentos: informação relevante para a orientação de pacientes com doença celíaca/ Assessment of gliadin in pharmaceutical products: important information to the orientation of celiac disease patients


2001-09-01

Racional — Alguns medicamentos podem conter gliadina, portanto, sua utilização poderá ser prejudicial aos pacientes com doença celíaca. Objetivo - Detectar a presença de gliadina em medicamentos comumente comercializados no Brasil. Métodos - Foram analisados 78 medicamentos sorteados a partir de uma lista de 180 produtos comumente comercializados. Os medicamentos analisados foram: analgésicos (n = 9), anti-helmínticos (n = 3), antiácidos (n = 8), antibióti

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

8

Intoxicações medicamentosas em crianças menores de cinco anos/ Drug intoxication among children under five years old


2002-08-01

OBJETIVOS: conhecer a magnitude das ocorrências de intoxicações em crianças menores de cinco anos, no Brasil. MÉTODOS: a partir de dados secundários do Sistema Nacional de Informações Tóxico-Farmacológicas (SINITOX) foram analisadas as freqüências por classe terapêutica, seguimento e circunstâncias, dos casos de intoxicação em menores de cinco anos, nos anos de 1997 e 1998 em São Paulo e Rio Grande do Sul. RESULTADOS: no Brasil, foram registrados no perí

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

9

Excipientes de medicamentos e as informações da bula/ Pharmaceutical excipients and the information on drug labels


2006-06-01

OBJETIVO: Avaliar a presença de conservantes, corantes, adoçantes e aromatizantes em 73 apresentações farmacêuticas de 35 medicamentos para uso oral, e as informações da bula sobre excipientes. MÉTODOS: Selecionamos 35 medicamentos, de venda livre ou sob prescrição médica, comercializados no Brasil. A amostra incluiu: analgésicos/antitérmicos, antimicrobianos, mucolíticos, antitussígenos, descongestionantes, anti-histamínicos, broncodilatadores, corticoste

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

10

Epidemiologia do acidente por serpentes peçonhentas: estudo de casos atendidos em 1988/ Epidemiology of poisonons snake-bites: a study of cases assisted in 1988


1995-10-01

Foram avaliados aspectos epidemiológicos de acidentes por serpentes peçonhentas no Estado de São Paulo, Brasil, com base em prontuários de 322 pacientes e em entrevistas feitas com 209 deles e/ou seus acompanhantes. Os acidentes ocorreram principalmente com pessoas de 10 a 20 anos de idade, do sexo masculino, nos meses de outubro a abril e no período diurno. As regiões anatômicas mais freqüentemente picadas foram os pés, as mãos e as pernas. Bothrops, Crotalus e

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

11

Epidemiologia do acidente por serpentes peçonhentas: estudo de casos atendidos em 1988/ Epidemiology of poisonons snake-bites: a study of cases assisted in 1988


1995-10-01

Foram avaliados aspectos epidemiológicos de acidentes por serpentes peçonhentas no Estado de São Paulo, Brasil, com base em prontuários de 322 pacientes e em entrevistas feitas com 209 deles e/ou seus acompanhantes. Os acidentes ocorreram principalmente com pessoas de 10 a 20 anos de idade, do sexo masculino, nos meses de outubro a abril e no período diurno. As regiões anatômicas mais freqüentemente picadas foram os pés, as mãos e as pernas. Bothrops, Crotalus e

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

12

Dapsona como alternativa no tratamento de urticária crônica não responsiva a anti-histamínicos/ Dapsone as an alternative to the treatment of chronic urticaria non-responsive to antihistamines


2008-10-01

FUNDAMENTOS: A urticária crônica é dermatose que interfere negativamente na qualidade de vida de seus portadores. O tratamento clássico com anti-histamínicos muitas vezes é ineficaz. OBJETIVO: Avaliar a eficácia e a segurança do uso da dapsona no tratamento da urticária crônica não responsiva a anti-histamínicos. METÓDOS: Realizou-se estudo retrospectivo mediante a revisão de prontuários de pacientes atendidos em ambulatório especializado em urticária ent

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

13

Atopia e auto-imunidade: A propósito de um caso clínico/ Atopy and autoimmunity: A case report


2007-09-01

Atopia, imunodeficiência e auto- imunidade são manifestações de disfunção do sistema imunológico. A atopia e a auto-imunidade são classicamente referidas como reacções imunológicas distintas. Estudos recentes sugerem a existência de possíveis mecanismos patogénicos comuns. Descrevemos o caso de uma adolescente com antecedentes familiares de asma brônquica e de miastenia gravis materna (HLA-B8) e com antecedentes pessoais de infecções respiratórias altas

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)