WorldWideScience

Sample records for flavonoides das folhas

  1. Determinação espectrométrica dos flavonóides das folhas de Maytenus (Celastraceae e de Passiflora (Passifloraceae e comparação com método CLAE-UV Spectrometric determination of flavonoids from Maytenus (Celastraceae and Passiflora (Passifloraceae leaves and comparison with an HPLC-UV method

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Regina de A. O. Chabariberi

    2009-12-01

    Full Text Available Este trabalho apresenta uma modificação dos procedimentos descritos nas Farmacopéias Francesa e Européia para a análise de flavonoides de Passiflora incarnata L., Passifloraceae, por espectrometria UV-Visível e propõe a sua aplicação na determinação dos flavonoides totais das folhas da espinheira-santa (Maytenus aquifolium Mart. e Maytenus ilicifolia (Schrad. Planch., Celastraceae e do maracujá (Passiflora edulis Sims. e Passiflora alata Curtis, Passifloraceae. Os resultados obtidos por espectrometria no UV-Visível foram comparados aos obtidos por cromatografia líquida de alta eficiência (CLAE-UV, encontrando-se resultados estatisticamente similares entre os métodos espectrométrico modificado da Farmacopéia Francesa e CLAE-UV.This paper reports on a modification of the spectrometric procedures originally described in the French and European Pharmacopoeia for the analysis of Passiflora incarnata L. (Passifloraceae flavonoids, proposing its application in the determination of total flavonoids from "espinheira-santa" (Maytenus aquifolium Mart. and Maytenus ilicifolia (Schrad. Planch., Celastraceae and "maracujá" leaves (Passiflora edulis Sims and Passiflora alata Curtis, Passifloraceae. A comparison was made of the results obtained by the spectrometric procedure with those obtained by high performance liquid chromatography (HPLC-UV, which demonstrated complete compatibility between the modified French Pharmacopoeia (spectrometric and HPLC-UV methods.

  2. Estudo das folhas e caule de Hyptidendron canum(Pohl ex Benth. Harley, Lamiaceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Tatiana S. Fiuza

    2010-05-01

    Full Text Available Hyptidendron canum (Pohl ex Benth. Harley, Lamiaceae, é utilizada popularmente como antimalárica, antiinflamatória, antiulcerativa, anti-hepatotóxica e anticancerígena. O objetivo deste trabalho foi realizar o estudo morfo-anatômico das folhas e caules e identificar as principais classes de metabólitos secundários presentes nas folhas de H. canum, dados ainda não descritos na literatura. As folhas e caules jovens coletados em Goiânia (GO foram seccionados à mão livre e preparados para análise microscópica. Foram realizadas reações de identificação de metabólitos secundários do material dessecado e pulverizado. Preparou-se o extrato etanólico bruto, que posteriormente foi fracionado por partição líquido-líquido com hexano, clorofórmio e acetato de etila. As frações foram submetidas à análise cromatográfica em camada delgada (CCD. As lâminas foliares apresentam epiderme adaxial constituída por células poligonais com parede reta. Na epiderme abaxial observam-se células com parede reta a ondulada e estômatos diacíticos e anisocíticos. Tricomas tectores e glandulares estão presente em ambas as faces da lâmina foliar. O pecíolo apresenta aspecto canaletado, epiderme adaxial e abaxial unisseriada. O caule, em secção transversal possui contorno em geral quadrangular, com presença de tricomas tectores e glandulares. As reações e a CCD das folhas evidenciaram a presença de flavonóides, saponinas, terpenos e lignanas. Este trabalho contribuiu para um maior conhecimento da morfo-anatomia e das classes químicas presentes em H. canum.Hyptidendron canum(Pohl ex Benth. Harley, Lamiaceae, is popularly used as an antimalarial, anti-inflammatory, antiulcerative, antihepatotoxic and anticancer agent. The goal of this research was to perform the morphoanatomy study of H. canumleaves and stem and identify the main classes of secondary metabolites present in the of H. canumleaves. Such data have not been reported in the

  3. Anatomia e histoquímica das folhas de Senna alata Anatomy and histochemistry of Senna alata leaves

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    I.M.C. Rodrigues

    2009-01-01

    Full Text Available Senna alata é uma espécie daninha frequente em pastagens da região amazônica, cujas folhas apresentam propriedades medicinais. Indivíduos dessa espécie foram cultivados e coletados no Campo Experimental da Embrapa Amazônia Oriental, em Belém-PA, para a realização de análises anatômica e histoquímica das folhas, com a finalidade de fornecer elementos para a taxonomia, identificação microscópica de aleloquímicos e caracterização ecofisiológica da espécie. As folhas apresentaram duas formas de tricomas: tectores e glandulares. Outras características foliares encontradas na espécie foram: lâmina foliar anfiestomática, mesofilo dorsiventral e epiderme abaxial papilosa. Algumas dessas características sugerem um mecanismo de adaptação a ambientes com excesso de calor. As folhas são ricas em cristais de oxalato de cálcio, ao longo de suas nervuras - característica da subfamília Caesalpinioideae. Compostos fenólicos, como flavonoides e antraquinonas, foram encontrados em células epidérmicas, da base de tricomas, e células dispersas no parênquima paliçádico, especialmente nas proximidades da nervura mediana. Este estudo confirmou a presença de conhecidas classes de aleloquímicos em diferentes tipos de células do mesofilo de Senna alata.Senna alata is one of the most frequent weed species in the Amazonian region pastures. Its leaves present medicinal properties. Individuals of this species were cultivated and collected in the Experimental Field of Embrapa Amazônia Oriental, Belém-PA, to carry out anatomical and histochemical analyses to provide taxonomy information, microscopic identification of allelochemicals and ecophysiological characterization of the species. Leaves presented two forms of trichomes: tector and glandular. Other foliar characteristics of the species were: amphistomatic leaf, dorsiventral mesophyll and abaxial epidermis papillose. Some of these suggest an adaptation mechanism to excessive warm

  4. ANÁLISE FITOQUÍMICA DAS RAIZES E FOLHAS, E MORFO-ANATÔMICA DOS CAULES E FOLHAS DE Urera baccifera GAUDICH

    OpenAIRE

    Amanda Leitao Gindri

    2012-01-01

    A planta Urera baccifera Gaudich, conhecida como Urtiga-Brava, tem suas folhas e raízes utilizadas para infecção urinária e artrite. Já existem estudos sobre sua atividade antiinflamatória, mas poucos são os estudos a respeito de sua composição química. Devido à escassez de dados, este estudo visa realizar uma análise fitoquímica qualitativa e quantitativa, e avaliar a atividade antioxidante das raízes e folhas da planta, além de realizar um estudo morfo-anatomico e histoquímico das folhas e ...

  5. Substâncias isoladas das folhas de Bauhinia microstachya (Raddi Macbr. (Caesalpiniaceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    E.M. Bianco

    2003-12-01

    Full Text Available Neste trabalho é relatado o isolamento de três substâncias das folhas de Bauhinia microstachya (Raddi Macbr., Caesalpiniaceae, incluindo dois constituintes isolados pela primeira vez nesta espécie, a vitexina e o hidrocarboneto hexatriacontano. As estruturas desses compostos foram estabelecidas através de estudos de RMN- 1H 1D, 2D e EM.

  6. Constituintes químicos das folhas de Murraya paniculata (Rutaceae)

    OpenAIRE

    Sumaia G. Mesquita; Martinez,Marcela F.; Paulete Romoff; Oriana A. Fávero; Lieber,Sofia R.; Lago, João Henrique G.

    2008-01-01

    A separação cromatográfica do extrato hexânico e da fase em CH2Cl2 do extrato etanólico das folhas de Murraya paniculata resultou no isolamento de um triterpeno (24-metileno-cicloartan-3β-ol), um fenilpropanóide (cafeato de metila) e sete cumarinas preniladas [isomeranzina, acetato de murranganona, murrayatina, murrangatina, hidrato de meranzina, febalosina e murranganona]. Dentre as substâncias isoladas, as cumarinas foram detectadas anteriormente em M. paniculata ao passo que 24-metile...

  7. Purificação do flavonóide trans-tilirosídeo do extrato metanólico das folhas de Gochnatia barrosii Cabrera (asteraceae e avaliação da sua atividade nematicida Purification of the flavonoid trans-tiliroside from the methanolic extract of Gochnatia barrosii Cabrera (Asteraceae leaves and evaluation of the nematicidal activity

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Helvécio Martins dos Santos Júnior

    2010-10-01

    Full Text Available O fracionamento do extrato metanólico das folhas de Gochnatia barrosii Cabrera (Asteraceae resultou no isolamento do flavonol glicosídico trans-tilirosídeo [kaempferol 3-O- -D-(6''-O-E-p-cumaroil-glicopiranosídeo], que nunca tinha sido identificado na referida espécie vegetal. Em teste realizado in vitro, observou-se que tal substância a 500 μg/mL, não tem efeito sobre a mortalidade de juvenis do segundo estágio do nematóide Meloidogyne exigua Goeldi.Fractionation of the methanolic extract from Gochnatia barrosii Cabrera (Asteraceae leaves resulted in the isolation of the flavonol glycoside trans-tiliroside [kaempferol 3-O- -D-(6''-O-E-p-coumaroyl-glucopyranoside], which had never been found in such plant species. Such substance at 500 μg/mL caused no in vitro effect on the mortality of second-stage juveniles of the nematode Meloidogyne exigua Goeldi.

  8. Constituintes químicos das folhas de Murraya paniculata (Rutaceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Sumaia G. Mesquita

    2008-12-01

    Full Text Available A separação cromatográfica do extrato hexânico e da fase em CH2Cl2 do extrato etanólico das folhas de Murraya paniculata resultou no isolamento de um triterpeno (24-metileno-cicloartan-3β-ol, um fenilpropanóide (cafeato de metila e sete cumarinas preniladas [isomeranzina, acetato de murranganona, murrayatina, murrangatina, hidrato de meranzina, febalosina e murranganona]. Dentre as substâncias isoladas, as cumarinas foram detectadas anteriormente em M. paniculata ao passo que 24-metileno-cicloartan-3β-ol e cafeato de metila estão sendo descritos pela primeira vez no gênero Murraya. Os extratos e frações além das substâncias puras foram submetidos à avaliação do potencial antimicrobiano frente à Staphylococcus aureus e Escherichia coli indicando que somente a cumarina hidrato de meranzina mostrou fraca atividade.

  9. Controle de Qualidade e triagem fitoquímica da droga vegetal das folhas de Morus nigra L. (MORACEAE)

    OpenAIRE

    Pedro Luis Guizzo; Thaís Cristina Cuba Bredda; Maria Virgínia Costa Scarpa; Fernanda Flores Navarro

    2015-01-01

    Uma rigorosa análise de controle de qualidade é uma das etapas na produção de fitoterápicos. Devido a escassez de estudos sobre Morus nigra L. (MORACEAE), mais conhecida como amora, este trabalho teve como objetivo o controle de qualidade das folhas da amoreira, incluindo uma análise Fitoquímica preliminar, controle de qualidade físico-químico e microbiológico utilizando metodologias farmacopeicas e não farmacopeicas. Os testes fitoquímicos evidenciaram a presença de isoflavonas, taninos hidr...

  10. Estudo farmacobotânico comparativo das folhas de Jatropha molissima (Pohl) Baill. e Jatropha ribifolia (Pohl) Baill. (Euphorbiaceae)

    OpenAIRE

    Abreu Leal, Crislaine Kieva; Agra, Maria de Fátima

    2005-01-01

    Este trabalho teve como objetivo um estudo farmacobotânico comparativo das folhas de Jatropha ribifolia (Pohl) Baill. e Jatropha molissima (Pohl) Baill., espécies usadas na medicina popular do Nordeste do Brasil. Realizou-se estudos morfológicos para as identificações e morfodiagnoses macroscópicas, além de cortes paradérmicos e transversais do pecíolo e da lâmina foliar, à mão livre, posteriormente corados com safranina, para as morfodiagnoses microscópicas. Observou-se que as du...

  11. Atividade antinociceptiva do extrato etanólico das folhas de Morus nigra L. (Moraceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Grasielly Rocha Souza

    2015-09-01

    Full Text Available O extrato etanólico bruto das folhas de M. nigra (Mn-EtOH foi avaliado quanto à atividade antinociceptiva em modelos experimentais em camundongos. Foram usados os métodos de contorções abdominais induzidas pelo ácido acético, teste da formalina e placa quente. No teste de contorções abdominais induzidas pelo ácido acético, Mn-EtOH (100, 200 e 400 mg/kg, i.p. reduziu o número de contorções em 38,82, 97,65 e 100%, respectivamente. O extrato também produziu uma significativa inibição de ambas as fases do teste da formalina, sendo que o efeito foi mais significativo na segunda fase (dor inflamatória. O extrato diminuiu em 42,19, 56,96 e 40,50%, respectivamente, o tempo de lambida da pata na primeira fase do teste de formalina, assim como 84,04, 77,20 e 61,07%, respectivamente, na segunda fase. Além disso, não apresentou efeito no teste da placa quente. Os dados obtidos sugerem que o extrato tem efeito antinociceptivo, provavelmente mediado através de mecanismos periféricos. Novos estudos estão sendo realizados para caracterizar o mecanismo responsável por esse efeito.Palavras-chave: Morus nigra. Moraceae. Atividade antinociceptiva. Dor. ABSTRACTAntinociceptive activity of ethanolic extract of the leaves of Morus nigra L. (MoraceaeThe crude ethanolic extract of the leaves of M. nigra (Mn-EtOH was evaluated for antinociceptive activity in mice using models of nociception. The evaluation of antinociceptive activity was carried out by the acetic acid-induced writhing, formalin and hot plate tests. In the acetic acid-induced writhing test, the Mn-EtOH (100, 200 and 400 mg/kg, i.p. reduced the number of writhing by 38.82, 97.65 and 100%, respectively. The extract also produced a significant inhibition of both phases of the formalin test, and the effect was more significant in the second phase (inflammatory pain. The extract decreased by 42.19, 56.96 and 40.50%, respectively, the paw licking time in the first phase of

  12. Distribuição vertical e setorial das ninfas de mosca-branca nas folhas do meloeiro Vertical and sectorial distribution of whitefly nymphs on melon leaves

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Francisco Roberto de Azevedo

    2003-09-01

    Full Text Available Foram realizados estudos, no campo experimental de Pacajús, da Embrapa Agroindústria Tropical, para observar a distribuição espacial das ninfas de Bemisia argentifolii Bellows & Perring (Hemiptera: Aleyrodidae, entre as folhas e nas folhas da rama do meloeiro. Para estudo da distribuição entre as folhas, foram amostradas aleatoriamente, as folhas presentes no intervalo entre a quinta e a vigésima folha. A contagem das ninfas foi realizada semanalmente aos 49; 56 e 63 dias após o plantio, retirando, com o auxílio de um vasador de cortiça, um disco foliar de 2,8 cm². Foi observada uma maior concentração de ninfas entre a oitava e a décima folha, contada a partir da extremidade da rama do meloeiro, sendo, portanto, a melhor folha para ser amostrada. O estudo da distribuição setorial nas folhas do meloeiro foi feito amostrando-se aleatoriamente as folhas em campo e subdividindo-as em quatro setores, delimitados pela nervura central em esquerdo distal (ED, esquerdo proximal (EP, direito proximal (DP e direito distal (DD. As ninfas concentraram-se mais nos setores proximais da folha do meloeiro, quando comparados aos setores distais, nas três avaliações efetuadas no campo. Estes insetos preferem os setores proximais da folha por estarem mais próximos do floema, facilitando a obtenção do alimento. Do total de ninfas contadas nos setores das folhas do meloeiro, 13,08% foram encontradas no setor ED; 35,7% no setor EP; 36,7% no setor DP e 14,25% no setor DD. Portanto, recomenda-se efetuar a amostragem das ninfas próximo à nervura central da folha do meloeiro.The spatial nymphs distribution of Bemisia argentifolii Bellows & Perring (Hemiptera: Aleyrodidae among and within melon leaves was observed. The vertical distribution among leaves was done, selecting randomly leaves from node 5th through 20th. The counting of nymphs was performed on a weekly basis, at 49; 56 and 63 days after planting, using a circular leaf disc with an area

  13. Plasticidade anatômica das folhas de Xylopia brasiliensis Sprengel (Annonaceae Leaf anatomical plasticity of Xylopia brasiliensis Sprengel (Annonaceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cristina Filomena Justo

    2005-03-01

    Full Text Available A anatomia foliar do gênero Xylopia ainda é pouco explorada. A espécie Xylopia brasiliensis Sprengel, vulgarmente conhecida como pindaíba, ocorre tanto em mata primária como em vegetação modificada num amplo espectro de condições ambientais. O presente estudo descreve algumas características anatômicas da folha de X. brasiliensis e avalia quantitativamente o limbo foliar em função das diferenças ambientais, sazonais e de estatura das plantas. Verificou-se que a espécie apresenta plasticidade anatômica.Leaf anatomy of Xylopia is still poorly explored. The species Xylopia brasiliensis Sprengel, commonly known as pindaíba occurs in primary forest and in modified vegetation in a wide range of environmental conditions. The present study describes some leaf anatomical characteristics of this species and quantitatively evaluates them in function of environmental, seasonal and plant height differences. This species has anatomical plasticity.

  14. Caracterização farmacognóstica das folhas e sementes de Albizia lebbeck (L. Benth. (Fabaceae Pharmacognostic characterization of leaves and seeds of Albizia lebbeck (L. Benth. (Fabaceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cláudia G. Miranda

    2009-06-01

    Full Text Available Albizia lebbeck (L. Benth. é popularmente conhecida no Brasil por coração-de-negro. É uma espécie aclimatada nesse país. As sementes dessa espécie são utilizadas no tratamento de diarréia, disenteria e hemorróidas e as folhas, no tratamento de úlceras e nas conjuntivites alérgicas. Este trabalho foi realizado com a finalidade de determinar as características macroscópicas e microscópicas das folhas e sementes dessa planta, uma vez que estas são as partes usadas popularmente. Algumas características de valor na sua diagnose foram apontadas e ilustradas por fotomicrografias. Reações de fitoquímica e a determinação do conteúdo de água e de cinzas foram realizadas no pó das folhas e sementes de A. lebbeck. Saponinas, alcalóides e cumarinas foram detectados nas folhas e sementes; flavonóides foram também identificados nas folhas. O teor de umidade foi 6,78% e 7,91%, respectivamente, para o pó das folhas e sementes. Os valores de cinzas totais e cinzas insolúveis em ácido foram 9,60% e 0,62% para as folhas e 4,13% e 0,21% para as sementes. Os dados obtidos são importantes para o controle de qualidade dessa planta medicinal. O extrato bruto da planta não apresentou atividade antibacteriana.Albizia lebbeck (L. Benth., is popularly known in Brazil as "coração-de-negro". It is a species acclimatized in Brazil. The seeds of this species are used to treat diarrhea, dysentery and hemorrhoids and the leaves are used for the treatment of ulcers and allergic conjunctivitis. The purpose of this work was to determine the macroscopic and microscopic characteristics of the leaves and seeds of this plant, since these are the parts used popularly. Some characters of diagnostical value are pointed out and illustrated by photomicrographs. Phytochemistry reactions and determination of water and ash were done on the powder of A. lebbeck. Saponins, alkaloids, coumarins were detected in the leaves and seeds; flavonoids were also detected

  15. Flavonoids, norisoprenoids and other terpenes from leaves of Tapirira guianensis; Flavonoides, norisoprenoides e outros terpenos das folhas de Tapirira guianensis

    Energy Technology Data Exchange (ETDEWEB)

    Correia, Suzimone de J. [Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia, Jequie, BA (Brazil). Dept. de Quimica e Exatas; David, Jorge M.; Silva, Eliezer P. da [Universidade Federal da Bahia (UFBA), Salvador, BA (Brazil). Inst. de Quimica]. E-mail: jmdavid@ufba.br; David, Juceni P. [Universidade Federal da Bahia (UFBA), Salvador, BA (Brazil). Faculdade de Farmacia; Lopes, Lucia M.X. [UNESP, Araraquara, SP (Brazil). Inst. de Quimica; Guedes, Maria Lenise S. [Universidade Federal da Bahia (UFBA), Salvador, BA (Brazil). Inst. de Biologia

    2008-07-01

    From hexane fraction of methanol extract of leaves of Tapirira guianensis (Anacardiaceae) were obtained lupeol, 24-methylenecycloartan-3-ol, phytol, {alpha}-amyrin, {beta}-amyrin, sitosterol, sitostenone, glycosyl sitosterol, as well as sitosterol esterified with palmitic and stearic acids. Phytol, {alpha}-amyrin and {beta}-amyrin esterified with fatty acids were also identified from same extract. The EtOAc extract besides the norisoprenoids (6S,7E,9S)-6,9-dihydroxy-megastigma-4,7-dien-3-one 9-O-{beta}-glucopyranoside and (6S,7E,9R)-6,9-dihydroxy-megastigma-4,7-dien-3-one 9-O-{beta}-glucopyranoside also afforded kaempferol 3-O-rhamnoside, kaempferol 3-O-arabinofuranoside, quercetin 3-O-rhamnoside, and kaempferol. The structural elucidation of isolated compounds were based on UV, IR, MS, {sup 1}H and {sup 13}C NMR data analysis. (author)

  16. Análise espectrofotométrica da atividade fotoprotetora in vitro de extratos das folhas de Byrsonima sericea

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cristianne Oliveira Medina

    2016-07-01

    Full Text Available No Brasil, o número de casos de câncer de pele tem aumentado, representando um considerável problema de saúde pública. Diversos fitocosméticos têm sido desenvolvidos com filtros solares e sob ponto de vista mercadológico a adição de produtos naturais, em particular contendo compostos fenólicos, tem sido alvo de vários estudos. O objetivo desse trabalho foi determinar o Fator de Proteção Solar (FPS dos extratos etanólico (ET-NOV e ET FEV e aquoso (AQ-FEV das folhas de murici (Byrsonima sericea e avaliar o seu potencial de aditivação do FPS em uma emulsão contendo o filtro químico metoxicinamato de octila. Foi realizada uma triagem fitoquímica preliminar para cada extrato. O Fator de Proteção Solar (FPS foi determinado pelo método espectrofotométrico. A triagem fitoquímica revelou a presença de taninos e heterosídeos digitálicos para todos os extratos. O fator de proteção solar (FPS para os extratos etanólico (ET-NOV e ET FEV e aquoso (AQ-FEV das folhas do murici (Byrsonima sericea não foram significativos (FPS 1.44, 1.36 e 0.68, respectivamente. Da mesma forma, a associação do extrato etanólico da folhas da Byrsonima sericea e metoxinamato de octila não mostraram ação sinérgica.Palavras-chave: Byrsonima sericea. Prospecção Fitoquímica. Espectrofotometria. Fator de proteção solar. ABSTRACTSpectrophotometric analyses of in vitro photoprotective activity of extracts from the leaves of Byrsonima sericeaIn Brazil, the number of cases of skin cancer has increased, representing a significant public health problem. Various phytocosmetics have been developed with sunscreens and from marketing’s point of view the addition of natural products in particular containing phenolic compounds, has been the subject of several studies. The aim of this study was to determine the sun protection factor (SPF of Birsonima sericea leaves ethanolic extract (ET-NOV and ET-FEV and aqueous extract (AQ–FEV and assess its

  17. Atividade alelopática do extrato e frações das folhas de Dasyphyllum tomentosum (Spreng. Cabrera

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cristiane da Silva Paula

    2014-01-01

    Full Text Available Alelopatia se refere à capacidade que determinada planta tem de interferir no metabolismo de outra, por meio de substâncias liberadas no ambiente. O presente trabalho avaliou o efeito do extrato e frações das folhas de Dasyphyllum tomentosum sobre a germinação, crescimento, respiração e conteúdo de clorofila em Lactuca sativa (alface. Três concentrações em quadruplicata de solução do extrato, frações e 50 sementes de alface, por placa de petri, foram mantidas em câmara de germinação por sete dias. Contagens diárias avaliaram a germinação e medidas da radícula e do hipocótilo, o crescimento. Para o teste de respiração e clorofila total foi realizada leitura em espectrofotômetro após tratamento específico. Com relação à porcentagem, velocidade de germinação e respiração, não foram observadas diferenças quando comparadas ao controle. Observou-se atividade alelopática do extrato e frações sobre o crescimento radicular e o conteúdo de clorofila total. Conclui-se que extrato e frações testados apresentam compostos químicos com atividade alelopática.

  18. Preparação e estabilidade do extrato antociânico das folhas da Acalipha hispida

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    BAILONI Marcio A.

    1998-01-01

    Full Text Available Folhas da Acalipha hispida, foram extraídas com MeOH/ácido cítrico a baixa temperatura e ao abrigo da luz. Os extratos livres de clorofila e outros produtos solúveis em éter etílico foram concentrados por osmose reversa (30°C e finalmente sob vácuo a 35-37°C. Soluções do produto concentrado em tampão citrato/fosfato foram mantidas sob N2 ao abrigo da luz e sob efeito de luz de 2.500 lumens por tempos variáveis acima de 600 h. Pela medida da variação da absorbância dos sistemas a 530 nm foi possível calcular os valores de K e t½ de cada sistema. A principal antocianina foi tentativamente identificada como cianidina-3-arabinosil-glucosídeo.

  19. CONSTITUINTES QUÍMICOS E ATIVIDADE FITOTÓXICA DAS FOLHAS DE Annona nutans

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Nathália Lucca Silva

    2015-05-01

    Full Text Available The phytochemical investigation and evaluation of the phytotoxic effect of the extract and fractions obtained from the leaves of Annona nutans (R. E. Fr. R. E. Fr. were performed. Phytotoxic activity was assessed on radicle and hypocotyl of Allium cepa and Lactuca sativa, where chloroform and ethyl acetate fractions proved active. Phytochemical investigation of the chloroform fraction was allowed identification of polyketides derivatives: triacontanal, 16-hentriacontane, octacosanol and triacontanol, using the 1H NMR technique associated with data from GC/MS. Using ethyl acetate fraction, with low activity, flavonoids 3-O-β-D-galactopyranosyl-isorhamnetin, 3-O-β-D-galactopyranosyl-quercetin and 3-O-β-D-apiofuranosyl-(1→2-galactopyranosyl-quercetin were identified, determined by spectrometric techniques one and two-dimensional NMR, combined with mass spectral data. All substances are being reported for the first time in Annona nutans. The phytotoxic activity of chloroform fraction may be related to the presence of triacontanol and similar substances. Triacontanol stimulates growth at very low concentrations, but can have an inhibitory effect at higher concentrations, such as those reported for auxin analogs. The toxicity assay using Artemia salina (BST was also performed, with the chloroform fraction showing a negligible lethal dose, LD50 = 500 mg mL-1, while the other fractions and extracts showed no activity. Thus, the presence of acetogenins was ruled out.

  20. Controle de Qualidade e triagem fitoquímica da droga vegetal das folhas de Morus nigra L. (MORACEAE

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Pedro Luis Guizzo

    2015-10-01

    Full Text Available Uma rigorosa análise de controle de qualidade é uma das etapas na produção de fitoterápicos. Devido a escassez de estudos sobre Morus nigra L. (MORACEAE, mais conhecida como amora, este trabalho teve como objetivo o controle de qualidade das folhas da amoreira, incluindo uma análise Fitoquímica preliminar, controle de qualidade físico-químico e microbiológico utilizando metodologias farmacopeicas e não farmacopeicas. Os testes fitoquímicos evidenciaram a presença de isoflavonas, taninos hidrolisáveis e alcaloides. Os resultados do controle físico-químico e microbiológico mostraram-se de acordo com as especificações. Isso destaca a importância do estabelecimento de normas para o controle da qualidade para as plantas, a fim de que sejam utilizadas como fitoterápicos.Palavras-chave: Controle de qualidade. Droga vegetal. Fitoquímica. Morus nigra. ABSTRACT A rigorous quality control analysis is one of the steps in the production of herbal medicines. Due to lack of studies on Morus nigra L. (Moraceae, better known as mulberry, this study had as objective the quality control of mulberry leaves, including a preliminary Phytochemical analysis of physical-chemical and microbiological quality control methodologies, using pharmacopoeic and non pharmacopoeic. Phytochemicals tests revealed the presence of isoflavones, hydrolysable tannins and alkaloids. The results of the physic-chemical and microbiological control shown in accordance with the specifications. This shows the importance of establishing standards for quality control for plants, to be used as herbal medicines.Keywords: Quality control. vegetal drug. Phytochemistry. Morus nigra.

  1. Determinação dos parâmetros anatômicos, físico-químico e fitoquímicos das folhas de Solanum lycocarpum A. St.- Hill

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    M.E. GALLON

    2015-01-01

    Full Text Available RESUMO A espécie vegetal Solanum lycocarpum, Solanaceae, popularmente conhecida como lobeira, está distribuída por todo o Brasil, principalmente em áreas do cerrado. Estudos comprovam que os frutos possuem diversas atividades e, atualmente, estão sendo utilizados no tratamento da diabetes. As folhas são utilizadas popularmente contra afecções das vias urinárias, cólicas abdominais e renais, espasmos e epilepsia, porém são poucos os estudos científicos que verificam as atividades farmacológicas das folhas. Assim, torna-se necessária a determinação de parâmetros anatômicos, físico-químicos e fitoquímicos que auxiliarão em futuras identificações e controle de qualidade da droga vegetal. Neste estudo foi realizada a coleta, secagem e pulverização das folhas de Solanum lycocarpum para a obtenção da droga vegetal e posterior caracterização desta. As análises microscópicas do pecíolo, nervura central e mesofilo revelaram características típicas da família Solanaceae, observando-se um sistema vascular bicolateral e a presença de areia cristalina e tricomas estrelados. A triagem fitoquímica, constatou a presença de taninos, flavonoides, esteróides e triterpenos, cumarinas e saponinas. Obteve-se o teor médio de 9,90% de perda por dessecação, 7,91% de cinzas totais e de 0,37% de cinzas insolúveis em ácidos. Para as substâncias extraíveis por álcool, o teor médio encontrado foi de 14,479% para o método de extração por Soxhlet e 0,987% para o método de extração a frio. Assim, espera-se que esses dados possam ser utilizados na identificação e controle de qualidade da droga vegetal de Solanum lycocarpum para a produção de novos medicamentos fitoterápicos.

  2. Cucumber seedling dependence on cotyledonary leaves for early growth Dependência das folhas cotiledonares para o crescimento inicial de pepino

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Dilson Antônio Bisognin

    2005-06-01

    Full Text Available The objective of this work was to evaluate the dependence of cucumber (Cucumis sativus L. seedlings on cotyledonary leaves for early growth and establishment. Sets of two uniform emerging seedlings were used to quantify the initial growth and dry matter accumulation, as well as the intensity and stage of cotyledon damage in seedling establishment and to determine cotyledon protein, amino acid and carbohydrate contributions to the growing seedling. Cucumber seedling establishment was found to be highly dependent on cotyledonary leaves. Root system establishment was highly dependent on the health of the aerial part. One cotyledon was enough to maintain aerial growth of seedlings after unfolding the first true leaf. Cucumber seedlings depended on both cotyledons to keep root system growth at least until leaf area was equivalent to cotyledon area. Covering one or both cotyledons of seedlings with one unfolded leaf increased carbohydrate content of uncovered cotyledon and leaves compared with control seedlings. Cucumber seedlings are highly dependent on cotyledonary leaves and aerial parts are less dependent than root system. Cotyledon damage at early stages of plant establishment would adversely impact crop yield by reducing plant density, an important yield component, or slowing down seedling growth and establishment.O objetivo deste trabalho foi estudar o desempenho das folhas cotiledonares no crescimento inicial e estabelecimento de plântulas de pepino (Cucumis sativus L.. Grupos de duas plântulas uniformemente emergidas foram utilizados para quantificar o crescimento inicial e acúmulo de matéria seca, o efeito da intensidade e época de remoção dos cotilédones sobre o estabelecimento da plântula, e a contribuição de proteínas, aminoácidos e carboidratos dos cotilédones para o crescimento inicial. O estabelecimento das plântulas de pepino foi altamente dependente das folhas cotiledonares. As folhas cotiledonares foram fundamentais

  3. ESTUDO FITOQUÍMICO, TOXICOLÓGICO E MICROBIOLÓGICO DAS FOLHAS DE Costus spicatus Jacq.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Antônio Paulo Ribeiro Bitencourt

    2014-12-01

    Full Text Available A espécie vegetal Costus spicatus Jacq. (cana-do-brejo, espécie pertencente à família Zingiberaceae, é utilizada na medicina popular, principalmente na região amazônica como depurativa e diurética, aliviando infecções urinárias e auxiliando na eliminação de pedras renais. O objetivo desta pesquisa foi realizar o estudo fitoquímico em busca das principais classes de metabólitos secundários, atividade microbiológica e citotóxica frente a Artemia salina do extrato bruto etanóico das folhas de Costus spicatus. O teste fitoquímico foi realizado por métodos químicos, visando determinar os seguintes metabólitos: alcalóides, fenóis e taninos, flavonóides, antraquinonas, saponinas, triterpenos, açucares redutores, polissacarídeos, ácidos orgânicos e esteróides. Quanto ao bioensaio de citotoxicidade foi realizado o teste com Artemia salina, onde se considerou a morte ou vida dos metanáuplios. O teste microbiológico foi utilizado a prática de difusão em disco com linhagens bacterianas padronizadas em concentrações de 25μg/mL, 50μg/mL e 100μg/mL do extrato bruto etanólico. Nessa perspectiva, foi possível observar a presença de alcaloides, e também, fenóis e taninos. O extrato bruto apresentou alto grau de toxicidade nas concentrações A. salina. Para avaliar a presença da atividade antimicrobiana foram medidos os halos de inibição do extrato, verificando que após 24h de incubação não houve formação significativa dos halos, onde foi possível determinar que não há efeito inibidor do extrato frente às linhagens bacterianas e nas concentrações utilizadas. Palavras-chave: Costus spicatus, screening fitoquímico, bioensaio de toxicidade, Artemia salina, ensaio microbiológico. DOI: http://dx.doi.org/10.18561/2179-5746/biotaamazonia.v4n4p75-79

  4. Morfometria das fibras das folhas de Astrocaryum murumuru var. murumuru Mart. (ARECACEAE Leaf fibers morphometry of Astrocaryum murumuru var. murumuru Mart. (ARECACEAE

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Clarisse Beltrão Rosas Rocha

    2007-01-01

    Full Text Available A análise morfométrica das fibras das folhas de Astrocaryum murumuru var. murumuru Mart. revelou que as fibras do pecíolo apresentaram comprimento e espessura da parede superiores às regiões da ráquis e folíolo, com médias variando de 1.266,09 µm a 3.270,56 µm e 5,56 µm a 10,67 µm, respectivamente. Em relação ao índice de Runckel e coeficiente de flexibilidade, as regiões pecíolo e ráquis obtiveram valores considerados favoráveis para sua utilização na indústria papeleira e, o índice de enfeltramento demonstrou que provavelmente as fibras dessas regiões apresentarão uma boa resistência ao rasgo quando submetidas às avaliações físico-mecânicas. Diante dos resultados, a espécie se revela promissora como fonte alternativa de matéria-prima para a produção de papel, sendo necessários, entretanto, estudos de resistências físico-mecânicas a consolidação deste pré-diagnóstico.The analysis morphometric of the leaf fibers of Astrocaryum murumuru var. murumuru Mart. demonstrated that the petiole's fibers had presented length and wall thickness superiors than the rachis and leaflets, with yours means varying of 1.266,09 µm to 3.270,56 µm and 5,56 µm to 10,67 µm, respectively. In relation the index of Runckel and flexibility's coefficient the petiole and rachis had gotten values considered favorable for its use in the paper industry and, the felting index it probably demonstrated that the fibers of these regions will present good crash resistance when submitted to the evaluations physical-mechanical. therefore, the results show the species is a alternative source of raw material to produce paper, but its necessary to do physical-mechanical resistance studies to consolidate this pre diagnostic.

  5. Estudo fitoquímico das folhas de Psychotria viridis (Rubiaceae) e avaliação da atividade biológica de extratos e constituintes

    OpenAIRE

    Debora Barbosa da Silva Soares

    2015-01-01

    O estudo fitoquímico dos extratos hexânico, clorofórmico e metanólico das folhas de Psychotria viridis, resultou no isolamento de uma mistura de dois triterpenos pentacíclicos, ácido ursólico e ácido oleanólico; três esteroides, o 24-metilenocicloartan-3-ol, e mistura de -sitosterol e estigmasterol; uma mistura de dois esteroides glicosilados, 3-O--D-glicosil--estigmasterol e 3-O--D-glicosil--sitosterol; o triterpeno poli-insaturado esqualeno; dois ésteres de glicerol, o monoacilglicerol mono...

  6. Investigação fitoquímica e avaliação da atividade antioxidante das folhas e frutos de Eugenia jambolana Lam. (Myrtaceae)

    OpenAIRE

    Plaza, Carenina Vidotte [UNESP

    2007-01-01

    A família Myrtaceae apresenta ampla distribuição, ocorrendo, preferencialmente, nas zonas tropicais e subtropicais, e é considerada uma das mais importantes famílias da flora brasileira em função da larga ocorrência de espécies comestíveis e/ou usadas na medicina tradicional. Eugenia jambolana Lam. é conhecida no Brasil como jambolão, e é de grande interesse pelas aplicações medicinais, especialmente de suas folhas e frutos, no tratamento da diabetes. O trabalho tem como objetivo a investigaç...

  7. Avaliação da atividade fitoestrogênica do extrato hidroalcoólico e da infusão das folhas de Morus nigra L.

    OpenAIRE

    Ana Paula Nunes Bitencourt Vanoni

    2006-01-01

    Avaliou-se a influência do extrato hidroalcoólico e da infusão das folhas de Morus nigra L. em diferentes ensaios biológicos (uterotrófico em ratas adultas ovariectomizadas e em pré-púberes, e pubertal) em ratas Wistar. O objetivo dos ensaios foi avaliar a atividade estrogênica de Morus nigra observando-se o desenvolvimento uterino de ratas adultas ovariectomizadas e pré-púberes, e, a manifestação da abertura do canal vaginal, regularidade do ciclo estral e desenvolvimento uterino de ratas do...

  8. ESTUDO QUÍMICO E ATIVIDADE LARVICIDA FRENTE AO Aedes aegypti DO ÓLEO ESSENCIAL DAS FOLHAS DE Cinnamomum zeylanicum Breyn (CANELA)

    OpenAIRE

    LEANDRA SOFIA DOS SANTOS MENDES

    2012-01-01

    Na procura pelo controle químico alternativo contra o mosquito Aedes aegypti, diversas pesquisas são desenvolvidas e estimuladas no intuito de se descobrir novas substâncias inseticidas de origem vegetal. Neste trabalho, a partir da extração e do estudo analítico do óleo essencial das folhas de Cinnamomum zeylanicum Breyn (canela), foi analisado o efeito larvicida do óleo contra larvas em terceiro estágio do mosquito Aedes aegypti. Extraiu-se quantitavamente o óleo essencial da...

  9. Atividade anti-helmíntica do extrato aquoso das folhas de Zanthoxylum rhoifolium Lam. (Rutaceae) Anthelmintic activity of aqueous extract of Zanthoxylum rhoifolium Lam. leaves (Rutaceae)

    OpenAIRE

    Peneluc Taíse; Domingues Luciana Ferreira; Gisele Nunes de Almeida; Maria Consuelo Caribé Ayres; Eduardo Luiz Trindade Moreira; Ana Carla Ferreira da Cruz; Thereza Cristina Bório dos Santos Calmon de Bittencourt; Maria Angela Ornelas de Almeida; Maria José Moreira Batatinha

    2009-01-01

    O estudo avaliou a atividade anti-helmíntica do extrato aquoso das folhas de Zanthoxylum rhoifolium em dois experimentos. O teste in vitro utilizou cultivos de fezes de caprinos tratados com diferentes concentrações do extrato: (134,5 a 335,0 mg.mL-1). No teste in vivo, utilizaram-se 20 ovelhas: G1 tratado durante quatro dias (0,63 g.kg-1 PV); G2, mesma dose, por oito dias; G3, ivermectina (200 μg.kg-1); e G4, sem tratamento. In vitro, observou-se redução de larvas de Haemonchus, Trichos...

  10. Atividade antioxidante e toxicidade preliminar do extrato e frações obtidas das folhas e cascas do caule de Dasyphyllum tomentosum (Spreng. Cabrera

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    C.S. Paula

    2014-06-01

    Full Text Available Dasyphyllum tomentosum (Spreng. Cabrera, açucará ou espinho-de-agulha, pertence à família Asteraceae, a qual compreende muitas espécies com propriedades terapêuticas. O objetivo deste trabalho foi avaliar extratos e frações de folhas e de cascas do caule de D. tomentosum, com relação as atividade antioxidante, citotóxica e hemolítica em testes in vitro. Todas as amostras apresentaram atividade antioxidante pelo método de inibição de DPPH, com destaque para a fração acetato de etila obtida das folhas cuja atividade foi comparável à dos padrões ácido ascórbico e rutina. Com relação à redução do complexo fosfomolibdênio, observou-se que esta mesma fração foi semelhante somente a rutina enquanto a fração obtida das cascas do caule apresentou resultado superior. Não foi observada atividade citotóxica e hemolítica frente aos modelos utilizados com os extratos e frações. Os resultados obtidos demonstram o potencial antioxidante da espécie sem apresentar toxicidade.

  11. Development of leaf silvering in squash cultivars infested by silverleaf whitefly Prateamento das folhas em cultivares de aboboreira infestadas por mosca-branca

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    AL Lourenção

    2011-03-01

    Full Text Available The silverleaf whitefly Bemisia tabaci biotype B is one of the most harmful insect pests for agricultural and vegetable crops. Beside the direct damage, it transmits pathogenic virus and induces plant physiological disorders, such as the squash silverleaf disorder. In this research we evaluated the development of leaf silvering in squash cultivars submitted to artificial infestation of B. tabaci biotype B. An experiment was conducted under field conditions, in Campinas, São Paulo State, Brazil, during the season 2003-2004. The germplasm (Cucurbita spp. comprised of seven cultivars of summer squash and nine of bush squash. The experiment used a complete randomized blocks design, with 16 treatments (cultivars and five replications. Each plot consisted of two plants. The artificial infestation was done when the plants emitted the third pair of leaves, by transplanting soybean plants infested with silverleaf whitefly between the squash plots. The leaf silvering was evaluated every two or three days, using a rating scale varying from 1 (no symptom to 5 (leaves completely silvered. The highest level (5.0 was observed in 'Baianinha', 'Golden Delight', 'Caravela' and 'Arlika', while 'Novita' (2.5, 'Atlas' (2.0 and 'Atlanta AG-303' (1.5 showed light symptoms, indicating that these have low sensibility to this physiological disorder.A mosca-branca (Bemisia tabaci biótipo B é uma das mais nocivas pragas da agricultura. Além de danos diretos, transmite vírus e também induz desordens fisiológicas, como o prateamento-das-folhas-da-aboboreira. No presente trabalho, avaliou-se o prateamento em folhas de cultivares de aboboreiras, submetidas à infestação artificial de B. tabaci biótipo B. Um experimento foi conduzido em condições de campo, em Campinas-SP, no ano agrícola 2003-2004, com 16 cultivares de aboboreira (Cucurbita spp., sendo sete de hábito de crescimento rasteiro e nove de moita. Utilizou-se delineamento de blocos ao acaso, com 16

  12. Estudo das propriedades físico-químicas e avaliação da toxicidade aguda do extrato etanólico das folhas de Mikania glomerata Sprengel

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    L.C.L.R. Santana

    2014-01-01

    Full Text Available A Mikania glomerata é uma planta pertencente à família Asteraceae que é bastante utilizada na medicina popular devido às suas ações broncodilatadora, antiasmática, expectorante e antitussígena. O objetivo do presente estudo foi determinar as propriedades físico-químicas do pó obtido a partir das folhas de M. glomerata, bem como, avaliar a toxicidade em camundongos após tratamento agudo com doses repetidas do extrato etanólico padronizado preparado a partir das folhas dessa espécie. Durante o estudo das propriedades físico-químicas do pó obtido a partir das folhas de M. glomerata foram feitas as determinações da densidade bruta e de compactação, do teor de cinzas totais, do teor de umidade, e da granulometria. De acordo com os resultados obtidos podemos sugerir que o pó pode ser usado na formulação de uma forma farmacêutica sólida. Na segunda parte do estudo foi determinada a Dose Letal 50% (DL50, bem como, realizada a análise morfológica macroscópica e avaliados a toxicidade aguda com doses repetidas e os parâmetros bioquímicos e hematológicos de camundongos. De acordo com os dados obtidos na segunda parte deste estudo podemos sugerir que o extrato etanólico pode ser usado de forma segura em humanos, uma vez que apresentou valor de DL50 de aproximadamente 3000 mg Kg-1, bem como, não produziu nenhuma alteração morfológica nos principais órgãos, e nem provocou alterações nos parâmetros bioquímicos e hematológicos de camundongos.

  13. Avaliação da atividade antioxidante e inibição da tirosinase do extrato das folhas do jatobá (Hymenaea stigonocarpa Mart. ex Hayne

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    A.R. Miranda

    2014-01-01

    Full Text Available Espécies de Jatobá (Hymenaea stigonocarpa Mart. ex Hayne são tradicionalmente utilizadas para o tratamento de diversas doenças. Estudos quimiotaxonômicos têm relacionado o gênero Hymenaea como fonte potencial de compostos fenólicos, taninos, flavonoides, os quais apresentam atividade antioxidante, sendo assim substâncias potencialmente inibidoras da tirosinase, enzima responsável por defeitos da pigmentação da pele. Existem cerca de 15 espécies no gênero Hymenaea, das quais 13 ocorrem no Brasil. Assim, este trabalho foi realizado para avaliar os fenóis, a atividade antioxidante, a capacidade de quelação dos íons cobre, e a capacidade de inibição da tirosinase do extrato das folhas da espécie H. Stigonocarpa. O material botânico (folhas, foi colhido nas árvores da área de cerrado de preservação ambiental do campus universitário FESURV - Universidade de Rio Verde - GO, seco em estufa de circulação forçada a 42°C por 2 dias, seguindo para a obtenção dos extratos hexânico e etanólico. A determinação do conteúdo fenólico realizada através do reativo Folin Ciocalteau demonstrou ser o extrato bruto etanólico (EBE o que apresentou a maior concentração dessa classe (235,7 mg equivalente de ácido gálico por grama de EBE. Na avaliação da atividade captadora de radical, empregando o radical livre DPPH, novamente o extrato etanólico demonstrou atividade antioxidante mais elevada (IC50 = 19 ± 0,1 ppm. Para o procedimento de quelação de íons cobre, o extrato bruto etanólico não demonstrou tal capacidade. Quanto a inibição da enzima tirosinase, o extrato bruto etanólico, após 30 e 60 minutos, apresentou inibição de 38 e 48%, respectivamente.

  14. Avaliação do perfil cromatográfico obtidos por CLAE-DAD e da atividade antioxidante das folhas de espécies Campomanesia sessiliflora (O. Berg Mattos e Campomanesia xanthocarpa O. Berg Evaluation of the chromatographic profile and the antioxidant activity of the species Campomanesia sessiliflora (O. Berg Mattos and Campomanesia xanthocarpa O. Berg

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    V.M.F. Kataoka

    2013-01-01

    Full Text Available O objetivo desta pesquisa visou a avaliação do perfil cromatográfico, a atividade antioxidante, e os teores de fenóis e flavonóides nos extratos orgânicos e infusos de folhas das espécies C. xanthocarpa e C. sessiliflora coletadas durante os períodos vegetativo e reprodutivo. As análises dos extratos e infusos foram realizadas empregando-se cromatografia líquida de alta eficiência com detector de arranjo de diodos (CLAE-DAD. Segundo a comparação dos perfis obtidos foi baixa a similaridade entre a composição química das duas espécies. O teor de fenóis (64,69-334,18 µg de ácido gálico mL-1 foi superior ao teor de flavonóides (4,02-35,60 µg de quercetina mL-1 em todas as análises. Os extratos orgânicos e infusos das folhas coletadas no período reprodutivo apresentaram teores de fenóis e de flavonóides superiores em ambas as espécies. Não houve uma correlação linear entre o teor de fenóis e flavonóides com a atividade antioxidante em todas as amostras.The aim of this study was to evaluate the chromatographic profile, the antioxidant activity, and the levels of phenols and flavonoids in organic extracts and infusions from leaves of the species C. xanthocarpa and C. sessiliflora collected during the vegetative and reproductive periods. Analyses of the extracts and infusions were performed by adopting high-performance liquid chromatography with diode array detector (HPLC-DAD. Based on the comparison of the obtained profiles, similarity between the chemical composition of the two species was low. Phenol levels (64.69-334.18 µg gallic acid mL-1 were superior to the level of flavonoids (4.02-35.60 µg quercetin mL-1 in all analyses. Organic extracts and infusions from leaves collected in the reproductive period had superior phenol and flavonoid levels in both species. There was not a linear correlation of phenol and flavonoid levels with antioxidant activity in all samples.

  15. Constituintes químicos das folhas e caule de Croton sellowii (Euphorbiaceae Chemical constituents from the leaves and stems of Croton sellowii (Euphorbiaceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Sebastião F. Palmeira Júnior

    2006-09-01

    Full Text Available O presente trabalho descreve o isolamento de terpenóides (sitosterol, estigmasterol, cicloart-25-eno-3b,24b-diol, cicloart-25-eno-3b,24a-diol e ácido betulônico, flavonóides (artemetina, crisosplenetina, casticina, penduletina e tilirosídeo e fenilpropanóide (treo-7-etoxi-8-hidroxi-diidroanol nas folhas e caule de Croton sellowii Baill. Todos os compostos isolados estão sendo descritos pela primeira vez nesta espécie e foram identificados com base na análise de dados espectrais (IV, UV e RMN, incluindo APT, DEPT, COSY, NOESY, HMQC e HMBC, bem como pela comparação com dados descritos na literatura.This work describes the isolation of terpenoids (sitosterol, stigmasterol, cycloart-25-ene-3b,24b-diol, cycloart-25-ene-3b,24a-diol and betulonic acid, flavonoids (artemetin, crysosplenetin, casticin, penduletin and tiliroside and phenylpropanoid (threo-7-ethoxy-8-hydroxy-dihydroanol from the leaves and stems of Croton sellowii Baill. All isolated compounds are being described for the first time in this species and were identified on basis of the spectral data (IR, UV, and NMR, including APT, DEPT, COSY, NOESY, HMQC and HMBC, and by comparison with literature data.

  16. Caracterização anatômica das folhas de Cunila microcephala Benth. (Lamiaceae Anatomic characterization of Cunila microcephala Benth. (Lamiaceae leaves

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria da Graça Teixeira de Toledo

    2004-12-01

    Full Text Available No presente trabalho fez-se a análise da organização estrutural das folhas de Cunila microcephala em microscopia fotônica e microscopia eletrônica de varredura. Seguiram-se as técnicas convencionais no preparo do material para obtenção das lâminas semipermanentes. Para a preparação de lâminas permanentes utilizou-se a técnica de inclusão em glicol metacrilato (GMA. A organização estrutural das folhas desta espécie revela: estômatos em ambas as faces com predominância na face abaxial (folha anfi-hipoestomática. Os estômatos da face adaxial são do tipo diacítico. As paredes anticlinais das células epidérmicas da face adaxial são sinuosas e apresentam espessamentos irregulares. As epidermes de ambas as faces são uniestratificadas. Tricomas tectores unisseriados e tricomas glandulares do tipo capitado unicelular e pluricelular se fazem presentes em ambas as faces. O mesofilo é heterogêneo dorsiventral. Idioblastos contendo cristais de inulina se fazem presentes em toda a extensão do limbo. A nervura principal em secção transversal, na porção mediana da lâmina foliar revela uma organização bastante simples, pouco saliente, na qual o parênquina clorofiliano paliçádico apresenta solução de continuidade. Os feixes vasculares são colaterais.This work has focused on the structural organization analysis of Cunila microcephala leaves in photonic microscopic and electronic scanning. Conventional techniques have been used to prepare the material for obtaining semi-permanent plates. For the preparation of permanent plates, the immersion into glycol methacrylate (GMA has been performed. The structural organization of leaves belonging to this species reveals stomata in both faces with predominance in the abaxial face (amphihypostomatic leaf. The adaxial face stomata belongs to the diacytic type. The anticlinal walls of the epidermis cells of the adaxial face are sinuous and present irregular thickening. The epidermis of

  17. Constituintes voláteis das folhas e dos galhos de Cinnamomum zeylanicum Blume (Lauraceae Volatile constituents from leaves and branches of Cinnamomum zeylanicum Blume (Lauraceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria da Paz Lima

    2005-09-01

    Full Text Available Os óleos essenciais das folhas e dos galhos de Cinnamomum zeylanicum coletada no município de Manaus, estado do Amazonas, foram obtidos por hidrodestilação e analisados através de CG-EM. Vinte e três constituintes foram identificados nas folhas, dos quais o eugenol foi o que apresentou maior porcentagem (60%. Nos galhos foram identificados trinta e seis componentes, com predominância dos monoterpenos alfa- e beta-pineno (9,9%; 3,5%, alfa-felandreno (9,2%, p-cimeno (6,2%, limoneno (7,9%, linalol (10,6%; os sesquiterpenos alfa-copaeno (3,3%, (beta -cariofileno (6,7%, óxido de cariofileno (3,1% e os alilbenzenos (E-cinamaldeído (7,8% e acetato de (E-cinamila (9,7%.The essential oils of the leaves and branches "of Cinnamomum zeylanicum, collected at Manaus, state of Amazonas, were obtained by hydrodistillation and analyzed by GC-MS. Twenty-three components were identified, of which eugenol, was the major (60%. Thirty-six components were identified in the branch oil, among them the monoterpenes alpha-pinene (9.9 %, beta-pinene (3.5 %, alpha phellandrene (9.2 %, p-cymene (6.2%, limonene (7.9%, linalool (10.6% were the most abundant, followed by the sesquiterpenes alpha-copaene (3.3%, (beta-caryophyllene (6.7%, caryophyllene oxide (3.1% and the allybenzenes (E-cinnamaldehyde (7.8%, (E-cinnamyl acetate (9.7%.

  18. Análise fitoquímica das folhas de Tabebuia serratifolia (Vahl Nicholson (Ipê Amarelo

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Líbio José Tapajós Mota

    2014-06-01

    Full Text Available Este estudo teve como objetivo realizar a análise fitoquímica nas folhas de Tabebuia serratifolia (Vahl Nicholson (Bignoniaceae para avaliar a presença dos principais grupos de metabólitos secundários através do extrato bruto etanólico. O material vegetal foi coletado no interior do Campus da Universidade Federal do Amapá (UNIFAP sendo, posteriormente secas, trituradas e submetidas à extração em etanol 70% para a obtenção do Extrato Bruto Etanólico de Tabebuia serratifolia (Vahl Nicholson (Bignoniaceae. O experimento foi realizado no Laboratório de Farmacognosia e Fitoquímica da mesma instituição. Foram realizados 9 (nove ensaios fitoquímicos, indicando resultado positivo para açúcares redutores, ácidos orgânicos, alcaloides, depsídeos e depsidonas, saponinas espumídicas , fenóis e taninos

  19. Morphoanatomical study of the leaves of Ocotea duckei Vattimo (Lauraceae-Lauroideae Estudo morfoanatômico das folhas de Ocotea duckei Vattimo (Lauraceae-Lauroideae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Denise F. Coutinho

    2006-12-01

    Full Text Available Ocotea duckei Vattimo is a plant native of Northeastern Brazil and popularly know as "Louro-de-cheiro". It is rich in alkaloids, lignans and essential oils. One of the most important constituents found in Ocotea duckei is yangambin, a furofuran lignan having significant pharmacological activities: as platelet activating factor (PAF receptor antagonist, protective against cardiovascular collapse and anaphylactic shock, anti-allergic, analgesic, anti-convulsivant and as depressant of central nervous system. A morphoanatomical study of the leaves of O. duckei was carried out in order to contribute to separate its from the other species of the genus Ocotea, which would be helpful in its identification. The morphological study was done with stereomicroscope and by field observations. The anatomical studies were made by paradermic and transversal sections of leaves (blade and petiole, cleared and stained with Astrablue and basic Fuchsine. The leaves are alternate, leathery, elliptic to oblong, glabrous, acute to acuminate at the apex, and acute and lightly attenuate at the base. The main anatomical features are the epidermis unistratified, the hypostomatic leaves with stomata of the paracytic type, mesophyll is dorsiventral with secretories cells in the parenchyma and collateral vascular bundles.Ocotea duckei Vattimo é uma espécie nativa do nordeste brasileiro, conhecida popularmente como "Louro-de-cheiro". É rica em alcalóides, lignanas e óleos essenciais. Um dos constituintes mais importantes obtidos de Ocotea duckei é iangambina, uma lignana furorânica, que têm demonstrado várias atividades farmacológicas como: antagonista do receptor do fator de agregação plaquetária (PAF, efeito protetor contra colapso cardiovascular e choque anafilático, antialérgica, analgésica, anticonvulsivante e depressora do sistema nervosos central. O estudo morfo-anatômico das folhas de O. duckei foi realizado com o objetivo de contribuir com a sua

  20. Atividades antioxidante, antinociceptiva e anti-inflamatória das folhas de Mucuna pruriens (L. DC Antioxidant, antinociceptive and anti-inflammatory activity of Mucuna pruriens (L. DC. leaves

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    E.V.S. Motta

    2013-01-01

    Full Text Available A espécie Mucuna pruriens (L. DC. (Fabaceae é popularmente conhecida no Brasil como "café berão" e "pó de mico". Suas sementes são bastante estudadas sendo empregadas na medicina popular para o tratamento de desordens nervosas e do aparelho reprodutor, porém poucas informações sobre a composição química e atividade farmacológica das folhas dessa espécie são descritas na literatura. Assim, os objetivos desse estudo foram: a determinação do perfil fitoquímico, a avaliação da atividade antioxidante in vitro, e a avaliação das atividades anti-inflamatória e antinociceptiva in vivo do extrato metanólico das folhas de M. pruriens nas concentrações de 100 e 300 mg/kg. O estudo fitoquímico foi realizado por meio da pesquisa qualitativa dos constituintes químicos e determinação quantitativa do teor de fenóis totais e flavonoides. O potencial antioxidante foi avaliado pelos métodos do DPPH e poder de redução. As atividades anti-inflamatória e antinociceptiva foram a ante foi promissor, com CI50 de 13,2∝g/mL pelo método do DPPH, e CE50 de 47,9∝g/mL pelo método que avalia o poder de redução. Em relação à atividade anti-inflamatória, o extrato foi capaz de inibir o edema de orelha em 63% (100mg/kg e 28% (300mg/kg. Quanto à atividade antinociceptiva, houve redução do número de contorções abdominais de 64% (100 mg/kg e 69% (300 mg/kg. Estes resultados indicam que M. pruriens apresenta um potencial farmacológico promissor e reforçam o conceito de que a pesquisa de plantas com usos etnofarmacológicos pode revelar um número substancial de respostas em ensaios in vitro e in vivo.The species Mucuna pruriens (L. DC. (Fabaceae is popularly known in Brazil as "café berão" and "pó de mico". Its seeds have been widely studied and used in folk medicine for the treatment of nervous and reproductive system disorders; however, few studies are related to the chemical composition and pharmacological activity of its

  1. O extrato bruto hidroalcoólico das folhas de Piper caldense C. DC. na redução do consumo de álcool em ratos.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    R. PEREIRA

    2015-03-01

    Full Text Available A investigação de plantas medicinais como recurso terapêutico para combater o alcoolismo ainda é muito insipiente com poucas espécies investigadas. No presente trabalho avaliamos o efeito do extrato hidroalcoólico das folhas da planta Piper caldense C. DC. com relação ao consumo de álcool e também a sua potencialidade ansiolítica. Foram utilizados ratos Wistar machos, os quais foram divididos em grupos controle (solução fisiológica e tratado (extrato da planta nas doses de 25, 50 e 150 mg/kg, e diazepam 2 mg/kg. Os animais foram tratados através da via intraperitoneal 1 h antes dos experimentos. Os modelos animais utilizados foram: Labirinto em Cruz Elevado (LCE e auto-administração de álcool (AA. No LCE o extrato não apresentou efeito ansiolítico do tipo benzodiazepínico. Por outro lado, no comportamento relacionado a auto-administração de solução de álcool, o extrato apresentou efeito significativo reduzindo o consumo de álcool em relação ao grupo controle. Apesar do extrato não ter apresentado efeito ansiolítico, o mesmo parece apresentar potencialidades para combater o abuso e a dependência de álcool.

  2. Caracterização molecular e patogênica de isolados de Xanthomonas albilineans (Ashby) Dowson, agente causal da escaldadura das folhas da cana-de-açúcar

    OpenAIRE

    Mariana de Souza e Silva; Bedendo,Ivan Paulo; Casagrande,Marcos Virgílio

    2007-01-01

    A escaldadura das folhas, causada pela bactéria Xanthomonas albilineans (Ashby) Dowson, é uma das cinco doenças mais importantes da cana-de-açúcar e sua ocorrência reduz o rendimento e a longevidade da cultura. Variedades resistentes têm sido usadas para o controle, porém há evidências da ocorrência de variantes do patógeno. Em campos comerciais do Estado de São Paulo, tem sido observado que a mesma variedade de cana se apresenta como resistente em uma região e suscetível em outra, sugerindo ...

  3. Avaliação da atividade citotóxica dos extratos etanólicos da casca e das folhas da Terminalia fagifolia Mart. sobre células normais e tumorais

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Patrícia Siqueira de Melo Rodrigues

    2017-02-01

    Full Text Available Introdução: A procura por novas alternativas terapêuticas, como as que utilizam as plantas medicinais, tem despertado grande interesse da comunidade científica na busca por tratamentos mais eficientes para as doenças, incluindo o câncer. Terminalia fagifolia Mart. é uma planta medicinal encontrada no Cerrado brasileiro, usada popularmente no tratamento de aftas e tumores. Objetivos: Avaliar a atividade citotóxica dos extratos etanólicos da casca e das folhas da Terminalia fagifolia em linhagens celulares NIH 3T3 e L929 e tumorais PC3 e B16F10. Métodos: Foi realizada a metodologia de determinação da viabilidade celular em ensaio com monocamada de células utilizando o ensaio MTS. As linhagens NIH 3T3, L929, PC3 e B16F10 foram expostas por 24 horas a diferentes concentrações dos extratos etanólicos da casca e folhas da Terminalia fagifolia. Resultados: Os resultados adquiridos mostraram que os extratos apresentaram viabilidade celular, sendo considerada de moderada a alta, para as células normais NIH 3T3 e L929 e citotoxicidade severa para as células tumorais PC3 e B16F10. Dessa forma, torna-se necessária a continuidade dos estudos com essa planta, pois os extratos da casca e das folhas apresentaram atividades antitumorais muito promissoras. Conclusões: Os extratos da casca e das folhas demonstraram viabilidade celular ≥ 50% nas linhagens celulares normais NIH 3T3 e L929 e demonstraram atividade citotóxica para as linhagens tumorais PC3 e B16F10, apresentando redução da viabilidade celular em torno de 60% e 70%, respectivamente.

  4. Toxicidade do extrato aquoso das folhas de Anacardium humile para Bemisia tuberculata Toxicity of aqueous extract of Anacardium humile leaves on Bemisia tuberculata

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Nézio Nery de Andrade Filho

    2010-08-01

    Full Text Available A mosca-branca Bemisia tuberculata (Bondar, 1923 (Hem.: Aleyrodidae é uma das principais pragas da cultura da mandioca no Estado do Mato Grosso do Sul; no entanto, não há produtos registrados para seu controle. Produtos vegetais podem constituir em alternativa viável de controle de insetos e, por sua fotodegradabilidade, diminuir os riscos ao ambiente e ao homem. Objetivou-se, por meio deste trabalho, avaliar o efeito do extrato aquoso do "cajuzinho-do-cerrado" Anacardium humile St Hill (Anacardeaceae, nas concentrações de 2,0; 0,8; 0,4 e 0,05%, sobre a biologia de B. tuberculata, bem como identificar a classe de metabólitos secundários presentes no referido extrato. O experimento foi conduzido em casa de vegetação, sob temperatura de 26±4°C. O extrato aquoso de A. humile causou aumento da duração da fase larval e mortalidade significativamente superior à testemunha em todas as concentrações testadas. Concluiu-se que o extrato aquoso de folhas de A. humile provoca mortalidade em ninfas de B. tuberculata e alongamento da fase das ninfas sobreviventes. O extrato aquoso de folhas de A. humile apresenta taninos, açúcares redutores e saponinas, e o seu índice de espuma (Índice Afrosimétrico é de 1250.The whitefly Bemisia tuberculata (Bondar, 1923 (Hem.: Aleyrodidae is the main pest of cassava crops in Mato Grosso do Sul state, however there are no products registered for its control. Plant products may represent a viable alternative for insect pest control and, due to their photo-degradability, they may reduce risks to the environment and to man. The aim of this study is to assess the effect of "cajuzinho-do-cerrado" Anacardium humile St Hill (Anacardeaceae aqueous leaf extract on the biology of B. tuberculata at the concentrations 2.0; 0.8; 0.4; 0.05%, as well as to identify the class of secondary metabolites present in the referred extract. The experiment was carried out in a greenhouse at a temperature of 26±4°C. The

  5. AVALIAÇÃO DA ATIVIDADE ANTIEDEMATOGÊNICA TÓPICA E ANTIBACTERIANA DO EXTRATO METANÓLICO DAS FOLHAS DE Sideroxylon obtusifolium

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Pedro Aquino

    2015-11-01

    Full Text Available Sideroxylon obtusifolium, conhecida como quixaba, é utilizada para diversos fins medicinais, dentre eles em casos de inflamações e infecções bacterianas, com isso, o estudo teve por objetivo investigar a atividade antiedematogênica tópica e antibacteriana do extrato metanólico obtido das folhas de S. obtusifolium. Os resultados obtidos através dos testes de microdiluição e modulação mostraram potencial atividade antibacteriana quando associados a gentamicina e amicacina para cepas multirresistentes de Staphylococcus aureus. Para cepas de Escherichia coli, só houve modulação da atividade de aminoglicosídeos frente ao antibiótico amicacina havendo antagonismo para gentamicina, o mesmo efeito foi observado para Pseudomonas aeruginosas em ambos antibióticos. Nos testes para inflamação aguda através dos modelos de edema de orelha induzido por óleo de cróton e fenol, o extrato apresentou um potente efeito antiedematogêncio p < 0,05. A prospecção fitoquímica do extrato foi feita e nela foram verificados diversos metabólitos com inúmeras atividades biológicas. Os polifenóis e flavonóides presentes neste extrato foram quantificados em 150,3 mg equivalentes de ácido gálico/ g de extrato e 98,5 mg equivalentes de quercetina/ g de extrato, respectivamente, o que explica o forte poder antioxidante presente nesta parte da planta. Diante dos resultados, podem-se observar atividades biológicas de S. obtusifolium, o que condiz com seu uso na terapia popular, no entanto como se trata de um extrato, substancias devem ser isoladas e testadas. Sendo assim este trabalho poderá servir como base para futuras pesquisas relacionadas a essa parte da planta.

  6. Efeito analgésico e anti-inflamatório do extrato aquoso das folhas de trevo-roxo (Scutellaria agrestis A. St.-Hil. ex Benth. - Lamiaceae em roedores

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    A.B. Oliveira

    2014-06-01

    Full Text Available Scutellaria agrestis é utilizada por comunidades ribeirinhas do Amazonas principalmente para o tratamento de otites por via tópica utilizando-se o extrato bruto obtido por maceração. O presente trabalho visou investigar preliminarmente o perfil fitoquímico, a segurança toxicológica e as ações analgésica, anti-inflamatória e antiedematogência do extrato aquoso das folhas de S. agrestis. Foram coletados 80 indivíduos da espécie no horto medicinal da Universidade Nilton Lins, Manaus, Brasil. O perfil fitoquímico foi obtido por meio de prospecção da droga vegetal para heterosídeos cianogênicos, terpenos, compostos fenólicos e alcaloides. A toxicologia foi avaliada pelo teste de toxicidade aguda. As atividades analgésicas/ anti-inflamatórias foram analisadas por meio dos testes de formalina em camundongos e a atividade antiedematogência, pelo teste de edema de pata em ratos. Os metabólitos detectados foram fenóis (taninos hidrolisáveis, cumarinas e várias classes de flavonoides e terpenos (esteroides livres, saponinas. Não foi possível estabelecer DL50, haja visto que o extrato não provocou a morte de nenhum animal durante o teste de toxicidade aguda, provavelmente devido à ausência de heterosídeos cianogênicos na sua composição. Apesar de não provocar morte, considerou-se que o extrato apresenta uma discreta toxicidade, uma vez que foi observada a ocorrência de espasmos na primeira hora de observação dos animais. O extrato apresentou ainda efeito analgésico e anti-inflamatório significativo nas doses de 30, 100 e 300 mg/kg pelo teste da formalina, sendo o resultado na maior dose equivalente ao obtido com a droga padrão (fentanil. No entanto, não observamos efeito antiedematogênico nas doses testadas durante as 5 horas de registro do edema de pata. Os resultados obtidos nesta pesquisa conferem base científica preliminar quanto à segurança e ao efeito analgésico e antiinflamatório da droga vegetal, o

  7. Atividades analgésica e/ou antiinflamatória da fração aquosa do extrato etanólico das folhas da Spiranthera odoratissima A. St. Hillaire (manacá

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    L.G. Matos

    2003-01-01

    Full Text Available Os testes de contorção abdominal induzida por acido acético, de edema de orelha induzido por óleo de Croton e de peritonite induzida por carragenina foram usados para o estudo de atividades analgésicas e/ou antiinflamatórias da fração aquosa do extrato etanólico das folhas de Spiranthera odoratissima. A fração aquosa inibe o número de contorções abdominais, reduz o edema de orelha e a migração de leucócitos. Os resultados sugerem que as folhas de Spiranthera odoratissima contêm compostos com atividade antiinflamatória.

  8. Atividade anti-helmíntica do extrato aquoso das folhas de Zanthoxylum rhoifolium Lam. (Rutaceae Anthelmintic activity of aqueous extract of Zanthoxylum rhoifolium Lam. leaves (Rutaceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Peneluc Taíse

    2009-12-01

    Full Text Available O estudo avaliou a atividade anti-helmíntica do extrato aquoso das folhas de Zanthoxylum rhoifolium em dois experimentos. O teste in vitro utilizou cultivos de fezes de caprinos tratados com diferentes concentrações do extrato: (134,5 a 335,0 mg.mL-1. No teste in vivo, utilizaram-se 20 ovelhas: G1 tratado durante quatro dias (0,63 g.kg-1 PV; G2, mesma dose, por oito dias; G3, ivermectina (200 μg.kg-1; e G4, sem tratamento. In vitro, observou-se redução de larvas de Haemonchus, Trichostrongylus e Oesophagostomum superior a 95% nas concentrações de 193,7 a 335,0 mg.mL-1. In vivo, a redução de ovos por grama de fezes foi de 51, 56 e 90%, respectivamente, para G1, G2 e G3, no oitavo dia de tratamento, enquanto para os estágios imaturos e adultos variou de 0 a 91% no G1 e 26 a 94% no G2. A eficácia da ivermectina alcançou 99% para L4 e L5 de H. contortus e 100% para as demais espécies de nematoides. Parâmetros clínicos e bioquímicos permaneceram na faixa de normalidade, e as análises histopatológicas não revelaram alterações sugestivas de toxicidade. Embora altamente efetivo in vitro, o extrato aquoso de folhas de Z. rhoifolium foi pouco eficaz in vivo na redução de nematoides gastrintestinais.The study evaluated the anthelmintic activity of aqueous extract of Zanthoxylum rhoifolium leaves in two experiments. In vitro test, cultures of goat fecal samples were treated with different concentrations of extract (134.5 to 335.0 mg.mL-1. In vivo test was composed of 20 sheep: G1: treated with 0.63 g.kg-1, during four days; G2: same dose, for eight days; G3: ivermectin (200 μg.kg-1 and G4 untreated group. In vitro results showed a reduction of Haemonchus spp, Trichostrongylus spp. and Oesophagostomum spp. larvae greater than 95% in the concentrations between 335.0 and 193.7 mg.mL-1. Faecal egg counting reduction was 51, 56 and 90% in G1, G2 and G3, respectively, while immature stages and adults ranged from 0 to 91% in G1 and from 26

  9. ESTUDO ANALÍTICO E AVALIAÇÃO DA ATIVIDADE LARVICIDA DA MISTURA DOS ÓLEOS ESSENCIAIS DAS FOLHAS DA Pimenta dioica Lindl E DOS GALHOS DE Aniba duckei Kostermans FRENTE AO MOQUISTO Aedes Aegypti (LINNAEUS, 1762)

    OpenAIRE

    ALDEMIR DA GUIA SCHALCHER PEREIRA

    2009-01-01

    Na procura pelo controle químico alternativo contra Aedes aegypti L., diversas pesquisas são desenvolvidas e estimuladas no intuito de se descobrirem novas substâncias inseticidas de origem vegetal e neste contexto os óleos essenciais têm se mostrado bastantes promissores. Extraiu-se os óleos essenciais das espécies Pimenta dioica Lindl (folhas) e da Aniba duckei Kostermans (galhos), pelo método de hidrodestilação, utilizando um sistema Clevenger e promoveu-se sua mistura em partes iguais. Ne...

  10. Contribuição das folhas cotiledonares para o crescimento e estabelecimento de plântulas de cucurbitáceas Cotyledonary leaf contribution for growth and establishment of cucurbit seedlings

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Dilson Antônio Bisognin

    2004-06-01

    Full Text Available As cucurbitáceas apresentam germinação epigeal, cujos cotilédones têm a dupla função de fornecer substâncias de reserva e fotoassimilados para o crescimento e o estabelecimento da plântula. O objetivo deste trabalho foi quantificar o nível de dependência de plântulas de abóbora híbrida (Cucurbita maxima x C. moschata, melancia (Citrullus lanatus, pepino (Cucumis sativus e porongo (Lagenaria siceraria em relação às folhas cotiledonares para o crescimento e estabelecimento inicial. Foi efetuada a remoção de um ou dois cotilédones aos 3; 6; 9 e 12 dias após a emergência (DAE, comparando-se o crescimento das plântulas com o de plântulas controle (sem remoção. O crescimento inicial foi avaliado a cada três dias, da emergência até 21 DAE, determinando-se a taxa de expansão das folhas cotiledonares, o período de tempo até a equivalência entre área foliar e cotiledonar e a produção de matéria seca. A abóbora apresentou a maior taxa de expansão das folhas cotiledonares, o menor período até a emissão e expansão das folhas verdadeiras e a maior produção de matéria seca. As plântulas de abóbora e pepino apresentaram a maior dependência em relação às folhas cotiledonares. Os resultados obtidos mostram que danos às folhas cotiledonares, dependendo da espécie, da intensidade e da idade da plântula, podem afetar drasticamente o crescimento inicial e o estabelecimento das plântulas, com reflexos evidentes no rendimento de frutos em cucurbitáceas.Cucurbit species have epigeal cotyledons adapted for both storage and photoassimilation functions. Seedling dependence on cotyledonary leaves for initial growth and establishment was quantified for hybrid squash (Cucurbita maxima x C. moschata, watermelon (Citrullus lanatus, cucumber (Cucumis sativus, and bottlegourd (Lagenaria siceraria. One or both cotyledons were excised at 3; 6; 9; and 12 days after emergence (DAE and initial growth was compared to control

  11. Determining the genotoxicity of an aqueous infusion of Bauhinia monandra leaves Determinação da genotoxicidade do infuso aquoso das folhas da Bauhinia monandra

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Márcia Fernanda Silva Macêdo

    2008-12-01

    Full Text Available Bauhinia monandra, commonly known as "cow's-foot", is native from Asia and widely used all over the world to treat a variety of illnesses, in particular diabetes. The high usage of the plant in Brazil and to fulfill the need of medicinal plant regulation by the Ministry of Public Health, we aimed at determining the genotoxicity, cytotoxicity and mutagenicity of an aqueous infusion from B. monandra leaves. The results were correlated to the chemical compounds found after phytochemical selection. Tests were performed in an in vitro system with plasmid DNA, in the presence and absence of exonuclease III, and in vivo system employing prokaryotic (transformation into competent DH10B bacteria and eukaryotic (Allium cepa assays. The infusion concentrations were 0.8 µg/µL, 4 µg/µL, 20 µg/µL and 100 µg/µL. The infusion concentrations did not cause mutagenicity or cytotoxicity, however the highest concentrations were able to induce breaks in DNA phosphodiester bonds and form abasic sites, an effect suggested by the presence of phenolic hydroxyls. The results revealed risks and benefits of plant extracts for therapeutic use and their effect on genetic integrity, especially when commonly employed as a hypoglycemic.Bauhinia monandra, popularmente conhecida como "pata-de-vaca", é nativa da Ásia e amplamente utilizada em todo o mundo para o tratamento de várias doenças, em especial diabetes. Diante da grande utilização dessa planta no Brasil, e de forma a satisfazer a necessidade de regulamentação das plantas medicinais pelo Ministério Público de Saúde, objetivamos determinar a genotoxicidade, citotoxicidade e mutagenicidade do infuso aquoso das folhas da B. monandra. Os resultados foram correlacionados com os compostos químicos encontrados após realização de uma triagem fitoquímica. Os testes foram realizados em sistema in vitro como o DNA plasmidial, na presença e ausência de exonuclease III, e in vivo empregando sistema procarioto

  12. Estudo preliminar toxicológico, antibacteriano e fitoquímico do extrato etanólico das folhas de Jatropha mollissima (Pohl Baill. (pinhão-bravo, Euphorbiaceae, coletada no Município de Tauá, Ceará, Nordeste Brasileiro

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    I.D. BRAQUEHAIS

    Full Text Available RESUMO A cada dia, cepas bacterianas estão tornando-se resistentes a diversos antibióticos, o que faz necessária a busca de novas substâncias eficazes para o tratamento de doenças. Desta forma, este trabalho reporta o estudo preliminar toxicológico, antibacteriano e fitoquímico do extrato etanólico das folhas de Jatropha mollissima (pinhão-bravo, Euphorbiaceae, coletada no Município de Tauá, Ceará, Nordeste Brasileiro. Inicialmente, realizou-se o teste de toxicidade do extrato contra Artemia salina. Na sequencia, foi realizado o ensaio antibacteriano contra quatro cepas bacterianas Gram-negativas (Escherichia coli ATCC 25922, Pseudomonas aeruginosa ATCC 27853, Hafnia alvei ATCC 51873, Klebsiella pneumoniae ATCC 13883 e uma cepa Gram-positiva (Enterococcus faecalis ATCC 29212. Finalmente, fez-se a análise fitoquímica preliminar do extrato ativo para detecção das principais classes de metabólitos especiais. Como resultado, o extrato etanólico das folhas de J. mollissima se mostrou tóxico para Artemia salina, pois apresentou CL50 igual a 406,02 μg/mL. Quanto à ação antibacteriana, o extrato se mostrou ativo contra a bactéria Gram-positiva Enterococcus faecalis ATCC 29212, apresentando moderada atividade antibacteriana (halo de inibição igual a 7,03 mm. Evidenciou-se no extrato bioativo a presença de cumarinas, fenóis, taninos, flavonoides (flavonóis e flavanonas, alcaloides e esteroides, ambas as classes reportadas como antimicrobianos. Portanto, esse extrato tem potencial para ser usado na produção de fármacos contra infecções causadas por bactérias Gram-positivas. No entanto, as informações direcionam estudos futuros para o isolamento e identificação dos compostos bioativos, monitorados sob a ação antibacteriana mais expressiva.

  13. Toxicity and antioxidant activity of flavonoids from Lonchocarpus filipes root bark; Toxicidade e atividade antioxidantes de flavonoides das cascas das raizes de Lonchocarpus filipes

    Energy Technology Data Exchange (ETDEWEB)

    Santos, Erica L.; Costa, Emmanoel V.; Marques, Francisco A.; Vaz, Nelissa P.; Maia, Beatriz Helena L.N. Sales [Universidade Federal do Parana (UFPR), Curitiba, PR (Brazil). Dept. de Quimica; Magalhes, Eva G.; Tozzi, Ana Maria A. [Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP), SP (Brazil). Inst. de Quimica. Dept. de Quimica Organica

    2009-07-01

    The phytochemical investigation of dichloromethane extract from root bark of Lonchocarpus filipes Benth (Leguminosae) afforded four flavonoids including three dibenzoylmethane derivatives rarely found in nature. The structures were established based on their spectral data ({sup 1}H and {sup 13}C NMR, 2D-NMR) as being: lanceolatin B (1), pongamol (2), (E)-7-O-methylpongamol (3) and (E)-9-O-methylpongamol (4). Compound (4) is described herein for the first time as a natural product. The extracts and the isolated compounds (1), (2) and (3) displayed high toxicity in the brine shrimp lethality assay. Only compound (2) showed antioxidant activity using a DPPH radical scavenging assay. This is the first report on the phytochemical study of Lonchocarpus filipes. (author)

  14. Caracterização morfoanatômica das folhas de Eremanthus erythropappus (DC. MacLeisch, Asteraceae Leaf morpho-anatomical characterization of Eremanthus erythropappus (DC. MacLeisch, Asteraceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rafael C. Dutra

    2010-12-01

    Full Text Available Eremanthus erythropappus (DC. MacLeisch (Asteraceae, popularmente conhecida como "candeia-da-serra", é uma espécie utilizada na medicina tradicional como cicatrizante e antimicrobiano. O objetivo do presente trabalho foi comparar o número de tricomas glandulares nas folhas jovens e adultas de E. erythropappus, assim como realizar a caracterização morfoanatômica destas folhas. Secções transversais e paradérmicas das folhas foram submetidas às microtécnicas fotônicas e à microscopia eletrônica de varredura. A quantificação dos tricomas glandulares foi realizada em folhas jovens e adultas com auxílio de câmara clara. As folhas são alternas ou fasciculadas e a lâmina foliar possui epiderme uniestratificada, revestida por cutícula delgada e lisa e mesofilo dorsiventral. Em ambas as faces da epiderme, ocorrem estômatos predominantemente anomocíticos e tricomas glandulares inseridos em depressões. Na face abaxial observam-se numerosos tricomas tectores. O parênquima paliçádico é uniestratificado e o parênquima voltado para a face abaxial é formado por três a cinco camadas de células com disposição compacta. As folhas jovens e adultas apresentam respectivamente 21,78±5,83 e 17,80±6,69 tricomas glandulares na face adaxial. A análise morfoanatômica das folhas de E. erythropappus mostra-se um método rápido e prático para a identificação e controle de qualidade de espécies vegetais utilizadas na terapêutica.Eremanthus erythropappus (DC. MacLeisch (Asteraceae, commonly known as 'candeia-da-serra', is a plant used in folk medicine as wound healing and antimicrobial. The aim of this study was to compare the number of glandular trichomes between the young and the mature leaves, as well as to perform the morpho-anatomical characterization of E. erythropappus leaves. Transverse and paradermal sections of the leaves were prepared according to light and scanning microtechniques for the morpho-anatomical characterization

  15. Estimação da área foliar do algodoeiro por meio de dimensões e massa das folhas Cotton leaf area estimates based on leaf dimensions and dry mass methods

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    José Eduardo B. A. Monteiro

    2005-01-01

    Full Text Available O objetivo deste trabalho foi avaliar dois métodos de estimação da área foliar do algodoeiro, por meio de suas dimensões e massa seca das folhas. Foram utilizadas as cultivares IAC 23 e Coodetec 401. No método que utilizou dimensões, as folhas do algodoeiro foram agrupadas em novas, cordiformes e maduras. Para cada tipo de folha, de cada cultivar, foi determinado um fator de forma (FF por meio de análise de regressão entre o produto do comprimento (C pela largura (L e a área das folhas. Avaliou-se a correlação entre a área foliar estimada pelo fator FF e sua medida direta, utilizando-se dados independentes. Testou-se, ainda, um fator único para cada cultivar, independente do estádio da cultura e, também, um fator geral para as duas cultivares. No método que utilizou a massa seca, as folhas foram agrupadas em novas e maduras. Determinou-se o fator de massa seca (FM por meio da análise de regressão entre a massa seca de folhas e respectivas áreas foliares. Em seguida, avaliou-se a correlação entre dados estimados por FM e dados medidos de forma direta, em nova amostra. O método das dimensões é viável para a estimação de área foliar do algodoeiro, por apresentar boa precisão e exatidão, com r² entre 0,71 e 0,98 e com coeficiente angular da regressão entre 0,87 e 0,95. No entanto, pelo método da massa seca, observaram-se precisão e exatidão maiores, com r² entre 0,94 e 0,98, e coeficiente angular da regressão entre 0,97 e 1,00, com a vantagem de ser menos trabalhoso.The objective of this study was to evaluate two different methods to estimate cotton leaf area (LA, based on leaf dimensions (length - L and width - W and leaf dry mass (DM. Two cultivars, IAC 23 and Coodetec 401, were used. For leaf dimensions method, leaves were classified by age: young, heart-shape, and mature. For each age class, a leaf shape factor (LSF was obtained by simple linear regression between L*W and LA. For leaf dry mass method, leaves

  16. Otimização das condições de extração de senosídeos por soluções hidroetanólicas das folhas de Senna alexandrina MILL empregando planejamento fatorial

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Alexandre de Almeida Lopes Severo

    2013-12-01

    Full Text Available Senna alexandrina MILL é um arbusto alto, originário da Arábia, amplamente cultivado na Índia e largamente utilizado como laxativo na constipação aguda e em casos em que a defecação é aconselhável, como após intervenção cirúrgica antes ou depois de operação abdominal, sendo empregado na forma de pós, xaropes, comprimidos e cápsulas. Como estas formulações geralmente são preparadas à partir de derivados do extrato líquido, torna-se fundamental para a qualidade e eficácia que este tenha seu processo de extração otimizado. O presente trabalho teve por objetivo determinar as melhores condições de extração, por soluções hidroetanólicas, das folhas de Senna alexandrina, empregando planejamento fatorial completo com ponto central 23 (três fatores e dois níveis onde os níveis dos fatores foram codificados como -1 (baixo, 0 (ponto central e 1 (alto, e metodologia de superfícies de respostas, para avaliar a influência do solvente, da quantidade de planta e do método de extração sobre o teor de derivados hidroxiantracênicos expressos em senosídeo B (SB e sobre o resíduo seco (RS nos extratos líquidos preparados. Foram realizados planejamentos experimentais completos, sendo um realizado pelo deslocamento dos níveis, após a análise do primeiro planejamento. Após a análise da superfície de resposta do planejamento com os níveis deslocados encontrou-se a faixa de melhor extração dos derivados hidroxiantracênicos expressos em senosídeo B com a melhor relação SB/RS, utilizando o solvente etanol/água a 60% V/V, 15 gramas da planta, e extração com aquecimento e agitação.

  17. Morfo-anatomia das folhas da nespereira Eriobotrya japonica Lindl., Rosaceae Leaf morpho-anatomy of loquat Eriobotrya japonica Lindl., Rosaceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    W. M. de Souza

    2003-06-01

    Full Text Available Eriobotrya japonica, Rosaceae, é uma espécie conhecida popularmente como nespereira, cujas folhas são empregadas na medicina tradicional como agente hipoglicemiante e no tratamento de doenças da pele. O presente trabalho objetivou caracterizar morfo-anatomicamente as folhas, a fim de fornecer subsídios farmacognósticos ao controle de qualidade da droga vegetal e taxonômicos à família. O material botânico foi fixado e submetido às técnicas usuais de microscopia ótica e eletrônica de varredura. As folhas são simples, alternas, lanceoladas, de limbo inteiro e margem denteada. A epiderme foliar é uniestratificada e revestida por cutícula espessada e levemente estriada. Tricomas tectores unicelulares longos são encontrados em ambas as faces, sendo numerosos na abaxial. A folha é hipoestomática, revelando estômatos anomocíticos. O mesofilo é dorsiventral e os feixes vasculares de pequeno porte são colaterais e podem apresentar extensão de bainha. A nervura principal possui formato biconvexo e o pecíolo circular, sendo ambos percorridos por feixes vasculares anficrivais. Foram observados idioblastos contendo cristais de oxalato de cálcio, mucilagem e compostos fenólicos.The leaves of Eriobotrya japonica , Rosaceae, popularly known as loquat, are used in folk medicine for their hypoglycemic properties and to treat cutaneous diseases. The aim of this work was to study the leaf morpho-anatomy of the drug for pharmacognostic and taxonomic purposes. The botanical material was prepared for the usual optical and scanning microtechniques. The leaves are simple, alternate and lanceolate, with entire blade and dentate margins. The epidermis is uniseriate and coated by a thick and slightly striated cuticle. Both surfaces are hairy, particularly the lower, with long unicellular non-glandular trichomes. Anomocytic stomata occur exclusively on the lower surface. The mesophyll is dorsiventral and the small bundles are collateral and may

  18. Estudo farmacobotânico das folhas de três espécies do gênero Strychnos L. (Loganiaceae) do Nordeste do Brasil

    OpenAIRE

    2005-01-01

    Realizou-se um estudo farmacobotânico de Strychnos atlantica Krukoff & Barneby, S. parvifolia A. DC. e S. trinervis (Vell.) Mart., espécies de importância na medicina popular do Nordeste do Brasil, com o objetivo de elaborar morfodiagnoses que possibilitem seu reconhecimento. Coletas e estudos morfológicos foram realizados para as identificações e morfodiagnoses macroscópicas, e cortes paradérmicos e transversais da folha (pecíolo e lâmina) para as morfodiagnoses microscópicas. Observou-se qu...

  19. Efeito do extrato bruto das folhas de Echinodorus Macrophyllus e de frações semipurificadas sobre a função renal em ratos com necrose tubular aguda induzida por gentamicina

    OpenAIRE

    Gustavo Pereira Cosenza

    2010-01-01

    A Echinodorus macrophyllus (E. macrophyllus), família alismatacea, é uma espécie nativa do Brasil onde é conhecida por chapéu de couro, chá mineiro e erva de pântano. O objetivo deste trabalho foi avaliar o possível efeito do extrato bruto das folhas de E. macrophyllus (EB) e de frações dele extraídos (FAE, FB e FAq) sobre a função renal em ratos normais e em ratos com necrose tubular aguda (NTA) induzida por gentamicina (GT). O EB, obtido por percolação, foi submetido à extração com acetato ...

  20. Avaliação fitoquímica e atividade antioxidan e, antimutagênica e toxicológica do extrato aquoso das folhas de Ocimum gratissimum L.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    D.C Gontijo

    2014-12-01

    Full Text Available A espécie Ocimum gratissimum L., popularmente conhecida como alfavaca, é uma planta muito usada na medicina tradicional brasileira, à qual são atribuídas diversas atividades terapêuticas quando usada na forma de infuso de suas folhas. Neste estudo foi realizada a caracterização fitoquímica, a avaliação da ação antioxidante e a investigação dos efeitos antimutagênico e antigenotóxico, além do efeito mutagênico e genotóxico potencial do extrato aquoso liofilizado a parir das folhas de O. gratissimum (EAOG. O conteúdo de polifenóis totais no extrato foi determinado pelo método Folin-Ciocalteu, sendo encontrado 11,3 µg EAG/mg de EAOG. A atividade antioxidante foi avaliada pelo teste do 1,1-difenil-2-picril hidrazil (DPPH•, apresentando IC50 de 83,0 µg/mL. A antimutagenicidade e mutagenicidade foram avaliadas em cepas de Salmonella typhimurium (TA98 e TA100 utilizando o teste Salmonella/microssoma (Salmonella typhimurium/microssomas em diferentes concentrações. EAOG induziu a atividade antimutagênica para a cepa TA98. A mutagenicidade não foi observada para o extrato em ambas as linhagens. Adicionalmente, a ação antigenotoxica avaliada pelo teste de clivagem do DNA-plasmidial também foi observada para EAOG. Os resultados também demonstraram que o extrato não foi capaz de induzir a genotoxicidade pelo teste empregado. Este estudo relata, pela primeira vez, as propriedades antimutagênica e antigenotóxica do extrato aquoso de O. gratissimum.

  1. Caracterização anatômica das folhas, frutos e sementes de Sapindus saponaria L. (Sapindaceae Anatomical features of leaves, fruits and seeds of Sapindus saponaria L. (Sapindaceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Kathia Socorro Mathias Mourão

    2001-05-01

    Full Text Available A anatomia das folhas, frutos e sementes de Sapindus saponaria L., espécie utilizada no combate a úlceras e inflamações da pele, foi estudada utilizando-se material fresco e fixado, com a finalidade de subsidiar estudos taxonômicos e farmacobotânicos. Analisaram-se cortes em diferentes planos, obtidos à mão livre ou com micrótomo, em lâminas semipermanentes e permanentes, corados com safrablau. As folhas compostas, apresentam folíolos de ápice acuminado e base assimétrica, glabros na face superior e pubescentes na inferior. Drusas e cristais prismáticos ocorrem no mesofilo dorsiventral. O fruto é esquizocarpo indeiscente com até três mericarpos desenvolvidos. O exocarpo apresenta células isodiamétricas com cutícula espessa e muitas lenticelas. No mesocarpo parenquimático encontram-se cavidades secretoras, idioblastos cristalíferos contendo drusas e cristais prismáticos. O endocarpo é constituído por fibras lignificadas, dispostas em diagonal. As sementes são bitegumentadas, exotestais, e exalbuminosas. Nas folhas e frutos secos e triturados (droga destacam-se: fragmentos das faces adaxial e abaxial da epiderme com tricomas íntegros, do mesofilo parenquimático, do pericarpo e drusas e cristais prismáticosThe anatomical features of leaves, fruits and seeds of Sapindus saponaria L., a species used in the combat of ulcers and skin diseases, are described. Samples from fresh and fixed material are analyzed for taxonomic and pharmacognostical studies. Anatomical description was undertaken by the analysis of semi-permanent and permanent slides made with different sections of leaves and fruits stained with safranin and astra blue. Compound leaves present leaflets with acuminate apex and asymmetric base, glabrate in the adaxial and pubescent in abaxial surface. Druses and prismatic crystals occur in the dorsiventral mesophyll. Fruit is an indehiscent schizocarp, which has up to three developed mericarps. The exocarp is

  2. Influência do sistema de condução na produção e na qualidade dos frutos das videiras 'Folha de Figo' e 'Niagara Rosada' em Caldas, MG Influence of the training system in the yield and in the quality of vine fruits 'Folha de Figo' and 'Niagara Rosada' in Caldas, MG

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Paulo Márcio Norberto

    2008-04-01

    Full Text Available O presente trabalho foi desenvolvido na Estação de Viticultura e Enologia da EPAMIG em Caldas-MG, e objetivou avaliar a influência do sistema de condução na produção e na qualidade dos frutos das videiras 'Folha de Figo' e 'Niagara Rosada' durante as safras 2003, 2004 e 2005. Como cultivares copa utilizou-se 'Niagara Rosada' e 'Folha de Figo', enxertadas no porta-enxerto '420-A'. O delineamento experimental foi inteiramente casualizado, em fatorial 4x2. Os sistemas de condução adotados foram cordão simples, pérgula, espaldeira e lira. Avaliaram-se as variáveis: massa e número médio de ramos; crescimento dos ramos; número de cachos; produção/planta; produtividade estimada/ha; análise química dos frutos; teor de sólidos solúveis totais (ºBrix; acidez total titulável (meq.L-1 e pH. Verificou-se que os sistemas espaldeira, lira e pérgula promoveram as maiores médias de massa e número de ramos em ambas variedades. Os sistemas de condução pérgula e cordão simples propiciaram uma certa precocidade em ambas cultivares. O porte descendente promovido pelo cordão simples induziu um menor crescimento de ramos. Os sistemas de condução foram semelhantes para a variável produção/planta para a cultivar 'Niagara Rosada' enquanto que para 'Folha de Figo' a lira foi superior. Os sistemas de condução lira e espaldeira apresentaram videiras com maiores produtividades para as cultivares estudadas. E as videiras conduzidas nos sistemas cordão simples e pérgula produzem frutos com melhor qualidade para ambas cultivares.The present work was developed in the Station of Viticulture and Enology of Caldas EPAMIG, Caldas, MG, and it aimed to evaluate the influence of the conduction system in the production and in the quality of the fruits of the vines 'Folha de Figo' and 'Niagara Rosada' during the crops 2003, 2004 and 2005. As you cultivate cup it was used Rosy Niagara and Leaf of Fig, grafted in the door-graft ' 420-TO '. The

  3. Constituintes químicos e estudos toxicológicos do óleo essencial extraído das folhas de Citrus limon Burn (Rutaceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    L.M.L. Campelo

    2013-01-01

    Full Text Available A caracterização química do óleo essencial de folhas de Citrus limon (Rutaceae resultou na identificação de mistura de monoterpenos (limoneno, linalol, cis-óxido de limoneno, trans-óxido de limoneno, citronelal, neral, geranial, nerol e acetato de geranil. As estruturas dos compostos do óleo essencial foram identificadas por GC/MS, por comparação com dados da literatura. Os efeitos da administração crônica oral do óleo essencial de folhas de Citrus limon foram investigados sobre parâmetros bioquímicos e hematológicos em camundongos Swiss machos. Os animais (n = 10/grupo foram tratados por via oral diariamente durante 30 dias com óleo essencial de folhas de Citrus limon, nas doses de 50, 100 ou 150 mg kg-1 de massa corporal e os parâmetros bioquímicos e hematológicos avaliados. O tratamento não causou nenhuma morte ou toxicidade nos animais. A administração do óleo essencial não alterou os parâmetros bioquímicos e hematológicos e a massa dos órgãos, exceto por diminuição de 21 e 11% em uréia e ácido úrico, respectivamente, e 9%, nos níveis plasmáticos de aspartato transaminase (AST. Para os parâmetros hematológicos, houve pequenas mudanças nas contagens de neutrófilos, linfócitos, eosinófilos e monócitos, mas estes não foram diferentes dos valores de referência. Além disso, houve diminuição significativa nos triglicerídeos detectado nos animais tratados com dose de 150 mg kg-1 de óleo essencial. Em conclusão, a administração crônica de óleo essencial não induziu nenhum efeito de risco na maioria dos parâmetros bioquímicos e hematológicos estudados em camundongos Swiss machos. No entanto, a diminuição dos níveis de uréia e ácido úrico em doses elevadas, sugere um possível efeito de insuficiência renal e aumento no teor de AST, sugerindo possível sobrecarga hepática que deve ser investigada com mais detalhe.

  4. Avaliação química e da atividade antidiarréica das folhas de Byrsonima cinera DC. (Malpighiaceae Chemical evaluation and antidiarrhoeal activity of leaves of Byrsonima cinera DC. (Malpighiaceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria Eloisa Figueiredo

    2005-03-01

    Full Text Available Folhas e cascas de algumas especies do gênero Byrsonima (Malpighiaceae são empregadas popularmente contra diarréia. Contudo, não existem dados na literatura à respeito de investigacões químicas ou farmacológicas dos extratos de B. cinera. Neste estudo, nós avaliamos a atividade antidiarreica dos extratos metanólico e hidrometanólico das folhas de B. cinera em ratos Swiss. Os resultados mostraram que ambos os extratos reduziram signitivamente a motilidade intestinal. Investigacão fitoquímica do extrato metanólico levou ao isolamento e identificacão da (+-catequina e da quercetina-3-O-a-L-arabinopiranosídeo. A atividade observada pode estar correlacaionada com a presença dessas substâncias nos extratos.Leaves and bark of some Byrsonima species (Malpighiaceae are popularly employed against diarrhoeal diseases. However, no data were reported in the literature about the chemisty and pharmacology of extracts from B. cinera leaves. In the present study we evaluated the anti-diarrhoeal activity of methanolic and hydromethanolic extracts obtained from the leaves of B. cinera in Swiss mice. Results showed that both extracts reduced significantly the gastrintestinal motility. Phytochemical evaluation of the methanolic extract led to the isolation and identification of (+-catechin and quercetin-3-O-a-L-arabinopyranoside. The observed activity may be correlated to the presence of these compounds in the extract.

  5. Avaliação da atividade antimicrobiana das partes aéreas (folhas e caules e raízes de Richardia brasiliensis Gomez (Rubiaceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Adda Daniela Lima Figueiredo

    2009-12-01

    Full Text Available Richardia brasiliensis é uma planta utilizada popularmente como expectorante, emética, diaforética, vermífuga e para o tratamento de hemorróidas. O presente estudo objetivou realizar a prospecção fitoquímica e avaliar a ação antimicrobiana do extrato bruto das partes aéreas e raízes de R. brasiliensis. O extrato etanólico bruto foi obtido a partir do material botânico dessecado e pulverizado. O pó das partes aéreas e raízes foram submetidos à triagem fitoquímica. A atividade antimicrobiana foi realizada contra bactérias Gram-positivas esporuladas e não esporuladas, Gramnegativas e a levedura Candida albicans através da determinação da concentração inibitória mínima por diluição em ágar empregando-se o inoculador de Steers. A triagem fitoquímica evidenciou a presença de esteróides, triterpenóides, cumarinas, resinas, alcalóides e flavonóides. A CIM do extrato das partes aéreas variou de 0,37 a 0,74 mg/mL e das raízes de 0,74 a 11,9 mg/ mL. Concluiu-se que tanto o extrato etanólico bruto das partes aéreas quanto das raízes apresentaram atividade antimicrobiana. Palavras-chave: Atividade antimicrobiana. CIM. Plantas medicinais.

  6. Hypoglycemic and hypolipidemic effect of leaves from Syzygium cumini (L. Skeels, Myrtaceae. in diabetic rats Efeito hipoglicêmico e hipolipidêmico das folhas de Syzygium cumini (L. em ratos diabeticos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Tatiana Schoenfelder

    2010-05-01

    Full Text Available Ethanolic crude extract (ECE of leaves from Syzygium cumini (L. Skeels, Myrtaceae was screened for its hypoglycemic and hypolipidemic activity (125, 250 and 500 mg/kg v.o.. Rats were divided into three groups for the evaluation of the hypoglycemic effect: normal rats, rats with alloxan-induced diabetes and hyperglycemic normal rats. Hypolipidemia was evaluated in rats with alloxan-induced diabetes. The antihyperglycemic activity was compared to treatment with glibenclamide, an oral hypoglycemic agent. The acute treatment with S. cumini ECE caused a significant decrease in the blood glucose in hyperglycemic normal rats (250 mg/kg, and in glucose (125 and 250 mg/kg, triglyceride (125 and 500 mg/kg and cholesterol (125 mg/kg levels of diabetic rats, but no effect was observed in the normal treated rats. Syzygium cumini leaves are a good candidate for alternative and/or complementary medicine in the management of diabetes mellitus, since they showed hypoglycemic activity in addition to a hypolipidemic action in diabetic animals.Na região de Criciúma-SC, as folhas de Syzygium cumini (L. Skeels, Myrtaceae, conhecida popularmente como jambolão, são utilizadas para diminuir níveis de glicose plasmática em pessoas diabéticas. Dentro deste contexto o presente trabalho teve o interesse de avaliar o efeito hipoglicêmico e hipolipidêmico do extrato bruto hidroalcoólico (EBH das folhas de S. cumini (125, 250 e 500 mg/kg. Para tal os animais foram divididos em três grupos para o efeito hipoglicêmico: ratos normais, ratos normais submetidos a curva de glicose (hiperglicêmicos e ratos diabéticos induzidos com aloxana. O efeito hipolipidêmico foi avaliado em animais diabéticos induzidos por aloxana. O efeito hipoglicêmico foi comparado com glibenclamida. O tratamento agudo com EBH de S. cumini causou uma diminuição estatisticamente significativa na glicose sanguínea em animais normais que foram submetidos à cura de glicose (250 mg/kg, e sobre

  7. Avaliação das potenciais atividades tripanocida e antileishmania do extrato de folhas de Piper arboreum (Piperaceae e de suas frações

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fernando Gomes Figueredo

    2014-01-01

    Full Text Available A leishmaniose e a tripanossomíase americana fazem parte de um grupo de doenças tropicais endêmicas, especialmente entre as populações pobres. São consideradas doenças negligenciadas por não despertarem interesse da indústria farmacêutica. Atualmente, a quimioterapia é o único tratamento específico disponível para estas doenças, onde os medicamentos utilizados são nifurtimox e benzonidazol. Este trabalho teve como objetivo avaliar a atividade antiparasitária e citotóxica do extrato bruto etanólico e frações de folhas de Piper arboreum, frente a linhagens de Leishmania brasiliensis e de Trypanosoma cruzi. Após a preparação do extrato etanólico bruto e as suas respectivas frações, testes in vitro foram realizados para avaliar atividade antiparasitária frente a T. cruzi, utilizado o clone epimastigota CL-B5 e contra L. brasiliensis foram utilizadas formas promastigotas. O ensaio de citotoxicidade foi realizado com linhagens de fibroblastos NCTC929. Os resultados indicaram que as amostras apresentaram toxidade elevada, com exceção da fração de acetato de etila. Já os resultados da atividade antiparasitária indicaram uma maior atividade da fração hexânica observando a morte de 62% e 51% de células epimastigotas e de 100% e 92% de células promastigotas, respectivamente. Através dos resultados conclui-se que a P. arboreum pode ser considerada uma fonte alternativa de produtos naturais com atividade contra T. cruzi e L. brasiliensis.

  8. Flavonóides, norisoprenóides e outros terpenos das folhas de Tapirira guianensis Flavonoids, norisoprenoids and other terpenes from leaves of Tapirira guianensis

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Suzimone de J. Correia

    2008-01-01

    Full Text Available From hexane fraction of methanol extract of leaves of Tapirira guianensis (Anacardiaceae were obtained lupeol, 24-methylenecycloartan-3-ol, phytol, α-amyrin, β-amyrin, sitosterol, sitostenone, glycosyl sitosterol, as well as sitosterol esterified with palmitic and stearic acids. Phytol, α-amyrin and β-amyrin esterified with fatty acids were also identified from same extract. The EtOAc extract besides the norisoprenoids (6S,7E,9S-6,9-dihydroxy-megastigma-4,7-dien -3-one 9-O-β-glucopyranoside and (6S,7E,9R-6,9-dihydroxy-megastigma-4,7-dien-3-one 9-O-β-glucopyranoside also afforded kaempferol 3-O-rhamnoside, kaempferol 3-O-arabinofuranoside, quercetin 3-O-rhamnoside, and kaempferol. The structural elucidation of isolated compounds were based on UV, IR, MS, ¹H and 13C NMR data analysis.

  9. Chemical composition and biological activity of leaves and fruits of Triphasia trifolia; Composicao quimica e atividade biologica das folhas e frutos de Triphasia trifolia

    Energy Technology Data Exchange (ETDEWEB)

    Santos, Renata P. dos; Trevisan, Maria Teresa Salles; Silveira, Edilberto R.; Pessoa, Otilia Deusdenia L. [Universidade Federal do Ceara (UFC), Fortaleza, CE (Brazil). Dept. de Quimica Organica e Inorganica]. E-mail: opessoa@ufc.br; Melo, Vania Maria M. [Universidade Federal do Ceara (UFC), Fortaleza, CE (Brazil). Dept. de Biologia

    2008-07-01

    The chemical composition of the essential oils from leaves and fruits of Triphasia trifolia was analyzed by GC-FID and GC-MS. The major constituents of oil obtained from leaves were sabinene (35.4%) and myrcene (34.1%), while the prevalent compounds in oil from fruits were sabinene (37.2%), {beta}-pinene (23.95) and {gamma}g-terpinene (16.3%). Both oils showed moderate antimicrobial activity. The fruit decoction was also investigated leading to the isolation of the coumarins isopimpinelin, (R)-byakangelicin and (S)-mexoticin. From leaves were isolated the coumarins (R)-byakangelicin, aurapten, (S)-mexoticin, isosibiricin, isomerazin and coumurrayin and the flavonoid vitexin. All coumarins showed cholinesterase inhibition on TLC tests. (author)

  10. AVALIAÇÃO DA ATIVIDADE ANTI-INFLAMATÓRIA TÓPICA E ANTIBACTERIANA DO EXTRATO METANÓLICO DAS FOLHAS DE Sideroxylon obtusifolium

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Pedro AQUINO

    2016-01-01

    Full Text Available Sideroxylon obtusifolium conocida como quixaba, se utiliza para diversos fines medicinales, incluso en los casos de infecciones bacterianas y la inflamación, por lo tanto, este estudio tuvo como objetivo investigar la actividad antiinflamatoria tópica y antibacteriana del extracto de metanol obtenido de las hojas de S. obtusifolium. El tamizaje fitoquímico del extracto reveló la presencia de varias clases, incluyendo: fenoles; taninos pirogálicos, flavonoides, catequinas y alcaloides. Los polifenoles y flavonoides presentes en este extracto se cuantificaron en 150,3 mg de equivalentes de ácido/g de extracto gálico y 98,5 mg de extracto de quercetina equivalentes/g, respectivamente. Los resultados obtenidos por los ensayos de microdilución han mostrado actividad potencial y la modulación antibacteriana cuando se asocia gentamicina, amikacina y para las cepas resistentes a múltiples fármacos de Staphylococcus aureus. Para Escherichia coli, solo se obtuvo sinergismo con amikacina, y se observo antagonismo para gentamicina, este mismo efecto fue observado para Pseudomonas aeruginosa en ambos antibióticos. En las pruebas de modelos agudos de inflamación por edema de la oreja inducido por aceite de crotón, y el fenol, el extracto tuvo un efecto significativo antiedematogenic potente (p <0,05. Por lo tanto, los resultados muestran actividad biológica de S. obtusifolium, que es coherente con su uso en terapia popular.

  11. Identificação da composição química das ceras cuticulares de folhas de azinheira Quercus ilex subsp. ballota

    OpenAIRE

    Martins, Carlos Manuel Canas

    1996-01-01

    Dissertação de mestrado, Química Celular, Unidade de Ciências Exactas e Humanas, Universidade do Algarve A cutícula é uma membrana lipofílica extracelular, constituída por uma matriz de polímero hidrofóbico impregnado de ceras e recoberta por uma camada de ceras superficiais, que reveste todas as partes tenras aéreas das plantas superiores. The plant cuticle, an extracellular lipophilic membrane, made up of a hydrophobic polymer matrix impregnated with waxes and covered by a superficial...

  12. Propriedades físicoquímicas e avaliação da toxicidade aguda do extrato etanólico padronizado a 70% das folhas de Mikania glomerata (Asteraceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    L.C.L.R. Santana

    2013-01-01

    Full Text Available Mikania glomerata (Asteraceae é bastante utilizada na medicina popular devido às suas ações broncodilatadora, antiasmática, expectorante e antitussígena. O objetivo do presente estudo foi determinar propriedades físicoquímicas do pó obtido a partir das folhas de M. glomerata, bem como avaliar a toxicidade em camundongos após tratamento agudo com doses repetidas do extrato etanólico padronizado a 70% preparado durante 30 dias consecutivos. No estudo das propriedades físicoquímicas fez-se a determinação da densidade bruta e de compactação, do teor de cinzas totais, do teor de umidade e da granulometria. De acordo com os resultados obtidos o pó pode ser usado na formulação de uma forma farmacêutica sólida, uma vez que suas propriedades físico-químicas são compatíveis com o desenvolvimento desse tipo de formulação. Na segunda parte do estudo foi determinada a dose letal 50% (DL50 em camundongos, e na análise morfológica macroscópica dos principais órgãos e avaliada a toxicidade aguda com doses repetidas em parâmetros bioquímicos e hematológicos de camundongos. Os resultados sugerem que o extrato etanólico padronizado a 70% pode ser usado de forma segura, uma vez que apresentou um valor para a DL50 (~3000 mg kg-1 que pode ser classificado na categoria nociva, e não produziu nenhuma alteração morfológica nos principais órgãos e em parâmetros bioquímicos e hematológicos de camundongos.

  13. Análise farmacognóstica das folhas de Arrabidaea chica (Humb. & Bonpl. B. Verlt., Bignoniaceae Pharmacognostic analysis of Arrabidaea chica (Humb. & Bonpl. B. Verlt. Leaves, Bignoniaceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Mauro Sérgio Marques Alves

    2010-05-01

    Full Text Available Arrabidaea chica (Humb. & Bonpl. B. Verlt. é uma Bignoniaceae amplamente utilizada na medicina popular como anti-inflamatório e adstringente, e para várias doenças como cólicas intestinais, diarréias, anemias e enfermidades da pele. Devido as suas propriedades biológicas e a produção de corante a espécie passou a ser utilizada pela indústria cosmética. A utilização de produtos naturais de origem vegetal implica no controle de qualidade farmacobotânico e em ensaios de pureza que compõem as especificações técnicas da espécie. Para isso foi realizada a descrição anatômica das folhas jovens e maduras de A. chica a partir de observações realizadas ao microscópio óptico, a partir de cortes histológicos. As folhas são hipoestomáticas e dorsiventrais com mesofilo heterogêneo. No pecíolo, a epiderme é uniestratificada contendo tricomas e dotada de cutícula delgada. Os testes farmacopéicos incluíram a determinação da distribuição granulométrica do pó da planta, determinação do teor de umidade e de cinzas totais, além da abordagem fitoquímica da tintura, visando estabelecer parâmetros para seu controle de qualidade.Arrabidaea chica (Humb. & Bonpl. B. Verlt. is a Bignoniaceae widely used in the popular medicine as anti-inflammatory and astringent agent, and for some illnesses as intestinal colic, diarrhoeas, anaemia and diseases of the skin. Its biological properties and dye biosynthesis lead the species to be used in the cosmetic industry. The use of natural products of vegetal origin implies in pharmacognostic quality control and purity assays that compose the technical specifications of the material. Therefore, the anatomical description of mature and young leaves of A. chica was carried through the use of optic microscopy on histological preparations. The leaves are hipostomatic and dorsiventral with heterogeneous mesophile. In petiole, the epidermis is unistratified, it contains trachoma and it is endowed

  14. Estudo farmacobotânico das folhas de Tocoyena formosa (Cham. & Schltdl. K.Schum. (Rubiaceae Pharmacobotanical study of the leaves of Tocoyena formosa (Cham. & Schltdl. K.Schum. (Rubiaceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Victor Peçanha de Miranda Coelho

    2006-06-01

    Full Text Available Este trabalho teve como objetivo um estudo farmacobotânico das folhas de Tocoyena formosa (Cham. & Schltdl. K. Schum., espécie usada na medicina popular do Nordeste do Brasil no tratamento das dores reumáticas. Realizaram-se estudos morfológicos para a identificação da espécie e para a morfodiagnose macroscópica. Cortes paradérmicos e transversais do pecíolo e da lâmina foliar, à mão livre, foram corados com safranina ou com uma mistura de safranina e azul de astra para a morfodiagnose microscópica. A lâmina foliar é subcoriácea, oblongo-lanceolada a elíptica, densamente tomentosa na face abaxial. T. formosa possui folhas hipoestomáticas, com estômatos do tipo paracítico; epiderme unisseriada com células de paredes poligonais; mesofilo dorsiventral com idioblastos cristalíferos, esparsos, isolados ou aos pares, no estrato superior do parênquima paliçádico; tricomas simples são evidentes na epiderme, em ambas faces. A vascularização é formada por dois feixes assessórios na posição adaxial e um feixe central em arco com as terminações invaginadas, na porção proximal do pecíolo, ou em forma de "V-fechado" na porção distal e na nervura principal. A morfologia das estruturas vegetativas e reprodutivas associada à anatomia do mesofilo e do sistema vascular, em conjunto, são caracteres distintivos para esta espécie.This work constitutes a pharmacobotanical study of Tocoyena formosa (Cham. & Schltdl. K. Schum., a species used in folk medicine for rheumatic pains in Northeastern Brazil. The botanical identification and macroscopical morphodiagnosis were carried out by morphological studies. The microscopical morphodiagnosis were realized byparadermic and transversal cuts of the leaves (blades and petiole and stained with safranin or mixture of safranin and astrablue. The blade leaf is subcoriaceous and oblong-lanceolate to elliptic, densely tomentose in the abaxial surface. T. formosa has hypostomatic leaves

  15. Soja: queima das folhas como critério de seleção para resistência à acidez do solo Leaf scorching as a criteria to select soybean for resistance to soil acidity

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Manoel Albino Coelho de Miranda

    1988-01-01

    Full Text Available Com o objetivo de testar critérios para a seleção de progênies resistentes à acidez do solo, conduziu-se um ensaio no Centro Experimental de Campinas (CEC, no período de novembro de 1980 a fevereiro de 1981, em delineamento "latice" simples 5 x 5, duplicado, constituído por 25 diferentes genótipos de soja, em solo glei húmico (hidromórfico orgânico friável com teores elevados de alumínio, fósforo e potássio. Aos sessenta dias da semeadura, tomaram-se as medidas - peso de matéria seca, altura de planta, comprimento de raiz pivotante, nota de queima das folhas e de coloração de raiz. As parcelas eram constituídas de linhas de 2m, espaçadas de 0,60m, e o plantio, realizado em novembro, com a finalidade de obter o máximo crescimento vegetativo. Os resultados permitiram demonstrar a validade do delineamento utilizado para assegurar maior controle local. Houve significância para todos os parâmetros estudados. Os cultivares IAC-9 Biloxi, IAC-Santa Maria 702 e IAC-2 e a introdução PI 274.454 foram os que mais se destacaram em relação ao peso da matéria seca, altura de planta e nota de queima das folhas, e os que apresentaram os melhores índices e menores teores de alumínio e manganês na parte aérea. As notas de coloração de raiz e comprimento da raiz pivotante, apesar das diferenças, não discriminaram os tratamentos de maneira tão clara como os parâmetros anteriores. Dada a correlação alta e significativa entre o peso de matéria seca e a nota de queima das folhas, sugere-se a utilização desse critério no melhoramento genético de soja para resistência à acidez do solo, ressaltando a importância do método aplicado em condições naturais e que leva em consideração também o processo simbiótico de fixação de nitrogênio.An experiment was carried out in an acid hydromorphic soil (Gley humic at Campinas, State of São Paulo, Brazil, in the period November 1980-February 1981, testing 25 cultivars in a

  16. Caracterização molecular e patogênica de isolados de Xanthomonas albilineans (Ashby) Dowson, agente causal da escaldadura das folhas da cana-de-açúcar Molecular and pathogenic characterization of isolates of Xanthomonas albilineans (Ashby) Dowson, causal agent of sugarcane leaf scald

    OpenAIRE

    Mariana de Souza e Silva; Ivan Paulo Bedendo; Marcos Virgílio Casagrande

    2007-01-01

    A escaldadura das folhas, causada pela bactéria Xanthomonas albilineans (Ashby) Dowson, é uma das cinco doenças mais importantes da cana-de-açúcar e sua ocorrência reduz o rendimento e a longevidade da cultura. Variedades resistentes têm sido usadas para o controle, porém há evidências da ocorrência de variantes do patógeno. Em campos comerciais do Estado de São Paulo, tem sido observado que a mesma variedade de cana se apresenta como resistente em uma região e suscetível em outra, sugerindo ...

  17. Efeito do glyphosate sobre a morfoanatomia das folhas e do caule de Commelina diffusa e C. benghalensis Effect of glyphosate on the morpho-anatomy of leaves and stems of C. diffusa and C. benghalensis

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    L.D. Tuffi Santos

    2004-03-01

    Full Text Available O objetivo deste trabalho foi avaliar o efeito do glyphosate nas estruturas anatômicas e morfológicas do caule e das folhas de duas espécies de Commelina, bem como investigar o envolvimento do amido de reserva na maior tolerância ao glyphosate de C. diffusa em relação a C. benghalensis. De 10 vasos cultivados de cada espécie, nove receberam 1.440 g ha-1 de glyphosate e um serviu como testemunha. Fragmentos de caule e folhas foram coletados e fixados nos tempos de zero (antes da aplicação do glyphosate, 15, 30 e 50 dias após a aplicação (DAA. O laminário histológico foi obtido conforme metodologia usual, enfatizando-se a aplicação do reagente lugol para verificação de amido. Atribuíram-se notas de 1 a 5, conforme a intensidade crescente da reação. Na folha, as células epidérmicas e os tecidos vasculares são pouco afetados; já o mesofilo é integralmente desorganizado, culminando com a morte das células. As injúrias são mais evidentes no caule e nas folhas de C. benghalensis. Morfologicamente, verificam-se regiões cloróticas e áreas necrosadas dispersas pela superfície foliar, culminando com a queda a partir do 15º DAA em C. benghalensis. Em C. diffusa, a abscisão foliar é mais tardia, apesar de as injúrias serem semelhantes. Ambas as espécies apresentaram maior quantidade de amido na região do nó que do entrenó. C. benghalensis tem poucos e pequenos grãos de amido, enquanto em C. difusa eles são grandes e numerosos. Em resposta à aplicação do glyphosate, houve variação na quantidade de grãos de amido no caule conforme o tempo após a aplicação. Assim, C. difusa terá sempre maiores possibilidades de se restabelecer após aplicação do glyphosate, por manter maior reserva de amido.The purpose of this work was to evaluate the effect of glyphosate in the anatomical and morphologic structures of leaves and stems of two species of Commelina, and to investigate the involvement of the starch reservation

  18. Effects of the aqueous extract from Hyptis pectinata leaves on rodent central nervous system Efeitos do extrato aquoso das folhas da Hyptis pectinata sobre o sistema nervoso central de roedores

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Alexsandro X. Bueno

    2006-09-01

    Full Text Available The effects of the aqueous extract (AE from Hyptis pectinata leaves was studied on rodent central nervous system (CNS. Pharmacological screening, open field, forced swimming, apomorphine-induced hypothermia, elevated plus maze and thiopental-induced sleep tests were used in male and female Swiss mice and Wistar rats. The AE was admnistered orally in single doses 30 minutes before each test. In the screening test the AE (400 mg/kg, p.o., n =3 decreased the frequency of grooming behavior. In the open field test it decreased the amount of time rats spent grooming (AE400: 51.3 ± 8.8, q = 5.513, P Neste trabalho foram estudados os efeitos do extrato aquoso (EA obtido das folhas da Hyptis pectinata sobre o sistema nervoso central de roedores. Os seguintes modelos experimentais foram utilizados em camundongos, machos e fêmeas, da linhagem Wistar: "screening" farmacológico, campo aberto, nado forçado, hipotermia induzida por apomorfina, labirinto em cruz elevado e tempo de sono induzido por tiopental. O extrato foi administrado por via oral em dose única, 30 minutos antes de cada teste. No "screening" farmacológico o EA (400 mg/kg, p.o., n = 3 diminuiu a freqüência do comportamento de auto-limpeza. No teste do campo aberto o EA diminuiu o tempo gasto em auto-limpeza (AE400: 51,3 ± 8,8, q = 5,513, P < 0.01, n = 10 de maneira similar ao diazepam (control: 107,3 ± 14,2; diazepam: 15,4 ± 4,3, q = 9,049, P < 0.001, n = 10. No teste do nado forçado o EA (400 mg/kg diminuiu o tempo de imobilidade (con: 181,3 ± 7,2 s; imip: 91,6 ± 8,9 s, q = 7,958, P < 0,001; AE400: 111,6 ± 14,5 s, q = 6,193, P < 0,001, n = 9 indicando um possível efeito antidepressivo. Isto foi confirmado no modelo de hipotermia induzida pela apomorfina onde o EA (200 mg/kg antagonizou o efeito da apomorfina (AE200: -0,27 ºC, q = 5,588, P < 0,001, n = 10 de maneira similar à imipramina (5 mg/kg (control: -1,08 ºC; imipramine: 0,02 ºC, q = 7,589, P < 0,001, n = 10. Nenhum

  19. Anatomia comparada das folhas e raízes de Cymbidium Hort. (Orchidaceae cultivadas ex vitro e in vitro Comparative leaf and root anatomy of ex vitro and in vitro cultured Cymbidium Hort. plants

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Juliana Lischka Sampaio Mayer

    2008-06-01

    Full Text Available Na fase de cultivo in vitro, as plantas são mantidas em ambiente com alta umidade relativa do ar, baixa luminosidade e trocas gasosas restritas, o que resulta em taxa de transpiração reduzida. Portanto, quando essas mudas são expostas ao meio ex vitro, sofrem estresse que pode causar a morte. O objetivo desse trabalho foi comparar a estrutura anatômica das mudas de Cymbidium 'Joy Polis' cultivadas ex vitro (planta matriz e aclimatizada e in vitro e verificar se a estrutura anatômica das plantas in vitro influencia no processo de aclimatização. As plantas ex vitro foram mantidas em casa-de-vegetação, em vasos individuais com o substrato fibra de coco em pó combinada com fibra de coco, e as plantas in vitro foram mantidas em meio de cultura MS. Para a análise anatômica qualitativa foram coletadas amostras de folhas e raízes de plantas ex vitro e in vitro. As plantas aclimatizadas apresentaram estrutura morfoanatômica semelhante à da planta matriz. A estrutura anatômica das plantas in vitro não influenciou a sobrevivência das mudas durante a aclimatização devido à plasticidade fenotipica desse cultivar. As plantas de Cymbidium 'Joy Polis' possuem grande capacidade de aclimatização ao ambiente, sendo provavelmente este um dos fatores responsáveis pela sobrevivência de 100% das mudas.During in vitro culture plants are kept in an atmosphere with high relative humidity, low light intensity and reduced gas exchange, resulting in low transpiration rates. Therefore, when these plants are exposed to ex vitro conditions, they suffer stress, which can induce mortality. The purpose of this study was to compare the anatomical structure of Cymbidium 'Joy Polis' plants from ex vitro (mother plant and acclimatized plants and in vitro cultures and to verify if the anatomical structure of in vitro cultured plants affects acclimatization. The ex vitro plants were kept in a greenhouse in pots containing a mixture of coconut-fiber powder and

  20. Análise tecidual e celular das brânquias de Oreochromis niloticus L. tratadas com extrato etanólico bruto e frações das folhas da pitanga (Eugenia uniflora L. - Myrtaceae Tissue and cell analysis of Oreochromis niloticus L. gill treated with crude ethanol extract and fractions from pitanga (Eugenia uniflora L. leaves Myrtaceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    T.S. Fiuza

    2011-01-01

    Full Text Available Eugenia uniflora L. (Myrtaceae é uma planta que ocorre no bioma Cerrado e é utilizada popularmente no tratamento de diarréias, inflamações, hiperglicemia e hipertensão. Estudos prévios revelaram atividade antimicrobiana da E. uniflora in vitro. Tendo em vista o uso popular, este trabalho objetivou avaliar as possíveis atividades celulares e teciduais sistêmicas do extrato bruto e das frações das folhas dessa planta em brânquias de Oreochromis niloticus L. (tilápia nilótica. Para isso, o extrato etanólico e as frações das folhas dessa planta foram administrados no peixe, por via oral, adicionadas à ração. Após um período de 24 horas, os peixes foram sacrificados e o segundo arco branquial de cada peixe foi dissecado, fixado em formalina neutra, desidratado, incluído em parafina e cortado. Nas análises histológicas, utilizaram-se tricômico de Masson e hematoxilina e eosina (HE. Pelas análises qualitativas na microscopia de luz, concluiu-se que o extrato etanólico bruto e as frações das folhas da E. uniflora apresentaram efeito sistêmico nas tilápias nilóticas atingindo as brânquias. As ações tóxicas como destacamento e descamação do epitélio respiratório e hiperplasia das células do epitélio interlamelar, foram mais pronunciadas nas tilápias que ingeriram maiores concentrações. Este trabalho colaborou para identificar o efeito vasodilatador dessa planta, e contribuiu para estabelecer a tilápia nilótica como sistema-modelo para testes com princípios ativos de plantas. Espera-se, com esses testes, viabilizar o uso de plantas como medicamentos para tratamentos de peixes, a manutenção da saúde de animais em cultivo intensivo e extensivo, a partir do qual se possibilite emprego alternativo aos medicamentos sintéticos.Eugenia uniflora L. (Myrtaceae is a plant found in the Cerrado biome and traditionally used in the treatment of diarrheas, inflammations, hyperglycemia and hypertension. Previous studies

  1. Estudo da atividade antioxidante do extrato e do óleo essencial obtidos das folhas de alfavaca (Ocimum gratissimum L. Study of the antioxidant activity and essential oil from wild basil (Ocimum gratissimum L. leaf

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cíntia Alessandra Matiucci Pereira

    2007-09-01

    Full Text Available O isolamento e a identificação de antioxidantes naturais, extraídos de plantas, contribuem para a descoberta de novas fontes de compostos químicos. A alfavaca (Ocimum gratissimum L. é uma planta conhecida por seus aspectos medicinais e pelo uso na culinária. A atividade antioxidante do extrato bruto e do óleo essencial das folhas de alfavaca foi comprovada através do método do tiocianato férrico. A porcentagem de inibição da oxidação lipídica foi de 96,89% para o extrato bruto e de 92,44% para o óleo essencial, ambos na concentração de 0,02%. O extrato bruto foi purificado através da cromatografia em coluna com sílica-gel e fase móvel hexano:acetato de etila em diferentes proporções. Para a identificação, foram utilizadas análises espectrais (infravermelho, ressonância magnética de hidrogênio e carbono 13. A substância isolada foi o eugenol, que apresentou 86,56% de atividade antioxidante. Alguns constituintes do óleo essencial foram caracterizados por cromatografia de fase gasosa, sendo o eugenol o principal componente (53,90%. Desta forma, a alfavaca apresenta-se como uma nova fonte de eugenol e, conseqüentemente, de antioxidante natural.The isolation and identification of natural antioxidants from plants contribute to the discovery of new sources of chemical compounds. Wild basil (Ocimum gratissimum L. is used as a herbal medicine and also as a culinary spice. The antioxidant activity of wild basil leaf crude extract and essential oil was confirmed by the ferric thiocyanate method. The crude extract showed 96.89% inhibition of lipid oxidation, while the essential oil showed 92.44% inhibition, both in a 0.02% concentration. The crude extract was purified by column chromatography using silica gel and different proportions of hexane:ethyl acetate as an eluant. The plant’s chemical compounds were identified by spectral analyses using NMR (hydrogen and 13C and infrared spectroscopy. The isolated substance was

  2. Cytotoxic evaluation of essential oil from Zanthoxylum rhoifolium Lam. leaves Avaliação citotóxica do óleo volátil extraído das folhas do Zanthoxylum rhoifolium Lam.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Saulo Luis da Silva

    2007-06-01

    Full Text Available Zanthoxylum rhoifolium Lam is a plant popularly used as antimicrobial, for malaria and inflammatory treatment. The essential oil of Z. rhoifolium was extracted and its cytotoxic effects against HeLa (human cervical carcinoma, A-549 (human lung carcinoma, HT-29 (human colon adenocarcinoma, Vero (monkey kidney cell lines and mice macrophages were evaluated. Some of the terpenes of its essential oil (ß-caryophyllene, alpha-humulene, alpha -pinene, myrcene and linalool were also tested to verify their possible influence in the oil cytotoxic activity. The results obtained permitted to confirm that the essential oil is cytotoxic against tumoral cells (CD50 = 82.3, 90.7 and 113.6 µg/ml for A-549, HeLa e HT-29 cell lines, respectively, while it did not show cytotoxicity against non-tumoral cells (Vero and mice macrophages. Thus, the essential oil from Z. rhoifolium leaves seems to present a possible therapeuthic role due to its selective cytotoxic activity against tumoral cell lines.O Zanthoxylum rhoifolium Lam. é uma planta popularmente utilizada como antimicrobianos, no tratamento da malária e de inflamações. O óleo volátil do Z. rhoifolium foi extraído e posteriormente foi avaliada a sua citotoxicidade contra células HeLa (carcinoma cervical humano, A-549 (carcinoma de pulmão humano, HT-29 (adenocarcinoma de cólon humano, Vero (rim de macaco e macrófagos de camundongos. Alguns terpenos constituintes do óleo volátil (beta-cariofileno, alfa -humuleno, alfa -pineno, mirceno e linalool também foram testados para verificar as possíveis influências sobre a citotoxicidade do óleo. Os resultados obtidos permitiram verificar que o óleo volátil é citotóxico contra células as tumorais (CD50 = 82.3, 90.7 e 113.6 µg/ml para A-549, HeLa e HT-29 cell lines, respectivamente, mas não apresenta citotoxicidade contra as células não tumorais (Vero e macrófagos de camundongos. Desta forma o óleo volátil das folhas do Z. rhoifolium demonstra

  3. Atividade antiproliferativa dos extratos e da fração orgânica obtidos das folhas de Virola sebifera Aubl. (Myristicaceae Antiproliferative activity of extracts and fractions from Virola sebifera Aubl. leaves (Myristicaceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Carina Denny

    2007-12-01

    Full Text Available As cascas de Virola sebifera (Myristicaceae são utilizadas por populações indígenas amazônicas em preparações alucinógenas, nas quais foram encontrados alcalóides como a dimetiltriptamina e seus derivados. Considerando a enorme importância dos alcalóides isolados de plantas na terapêutica do câncer e a presença desses compostos em espécies de Virola, o presente trabalho teve por objetivo o estudo da atividade antiproliferativa em cultura de células tumorais humanas de extratos e da fração orgânica, obtidos das folhas de Virola sebifera. O extrato bruto diclorometânico (EBD foi considerado o mais ativo, com seletividade principalmente para a linhagem de pulmão (NCI-460 - IC50: 4,46 µg/mL e para a fração orgânica (FO obtida por extração ácido-base - IC50; 6,91 µg/mL. A atividade observada possivelmente pode ser atribuída a alcalóides ou compostos nitrogenados que foram evidenciados pelo corante Dragendorff. Assim, a purificação da FO será necessária a fim de comprovar a presença de compostos nitrogenados, através de isolamento e determinação estrutural, bem como a participação desses compostos na atividade antiproliferativa observada.Barks of Virola sebifera (Myristicaceae used by Amazonian Indian communities in hallucinogenic snuff preparations have yielded dimethyltryptamine and derivatives. Considering the importance of the alkaloids isolated from plants for the development of chemotherapy, and the presence of these compounds in several Virola species, the scope of this work was to evaluate the antiproliferative activity of the extracts and the organic fraction from Virola sebifera leaves. The crude dichloromethane extract was the most active with selectivity for lung line (NCI-460 - IC50: 4.46 µg/mL, as well as the organic fraction (OF - IC50: 6.91 µg/mL. The observed activity could probably be attributed to alkaloids or nitrogen compounds that were evidenced by the Dragendorff reagent. However, the

  4. Distribuição da matéria seca e composição química das raízes, caule e folhas de goiabeira submetida a estresse salino Dry matter partitioning and mineral composition of roots, stems and leaves of guava grown under salt stress conditions

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Raimundo Gonçalves Ferreira

    2001-01-01

    Full Text Available Um experimento em casa de vegetação foi conduzido com o objetivo de estudar a resposta de plantas de goiabeira (Psidium guajavaL. a diferentes concentrações de NaCl. As plantas foram cultivadas em solução nutritiva, com 0, 25, 50, 75, 100, 125 e 150 mM de NaCl, e colhidas com 30 e 50 dias após estresse, num delineamento inteiramente casualizado. Foram determinadas: matéria seca das raízes e parte aérea; e porcentagens de Na, Cl, K, Ca e Mg nas raízes, caule e folhas. O estresse salino reduziu a matéria seca total, e a relação parte aérea/raiz foi reduzida. O estresse causou um aumento nos níveis dos íons Na+ e Cl-, com maior acúmulo nas folhas, seguido das raízes. Os teores de Ca foram estáveis nas raízes, mas decresceram no caule e folhas. Os teores de K foram reduzidos, particularmente nas folhas. Ao contrário, os teores de Mg não foram afetados pela salinidade no caule e nas raízes, havendo, entretanto, redução nas folhas. O teor de Na apresentou relação direta com o de Cl e inversa com o de K nas raízes e folhas. O teor de Ca não variou com o de Na nas folhas, mas apresentou uma relação inversa nas raízes. O teor de Mg não variou com o de Na nas raízes e folhas.A greenhouse experiment was conducted with the objective of studying the response of guava plants (Psidium guajavaL. to increasing levels of NaCl concentrations. Plants were grown in nutrient solutions, with 0, 25, 50, 75, 100, 125 and 150mM of NaCl, and harvested 30 and 50 days after saline stress in a complete randomized design. The following traits were studied: shoot, root and total plant dry matter and the percentage of Na, Cl, K, Ca and Mg in plant dry matter. Dry matter yield decreased when salinity increased. The root/shoot ratio decreased with the saline treatment. Salinity stress caused an increase in the levels of Na+ and Cl-. The highest ion accumulation was found in the leaves followed by the roots. The Ca levels were stable in the roots

  5. Effect of crude extracts of leaves of Smallanthus sonchifolius (yacon on glycemia in diabetic rats Efeito do extrato bruto das folhas de Smallanthus sonchifolius (yacon sobre a glicemia de ratos diabéticos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Silmara Baroni

    2008-09-01

    Full Text Available The present study investigated the effect of crude extracts from yacon leaves, obtained by aqueous cold (Y C or hot (Y H extraction, or hydro-ethanolic extraction (Y E, on glycemia of the diabetic (induced by streptozotocine, 50 mg/kg, ip and nondiabetic rats. The animals were treated orally with the extracts (400 mg/kg or water for 3, 7, 10, and 14 days. After this period, the animals were anesthetized and blood samples were collected for measurement of plasmatic glucose and creatinine and activity of the enzymes (AST, ALT, ALP. Also were evaluated the consumption of food, water, urine volume, body weight of the animals and LD50 of Y E. Treatment with Y E for 14 days reduced glycemia in diabetic and nondiabetic animals. No similar reduction was observed in animals treated with Y C or Y H. Additionally, Y E restored the activity of the plasmatic enzymes that were altered, and improved weight gain in the diabetic animals. These results showed that the effectiveness of the yacon extracts is related to the method of preparation and to the time of treatment. The effect of Y E on glycemia in diabetic rats is not related to reduction of food intake or to interference of the extract with intestinal absorption of carbohydrates.O presente estudo investigou o efeito do extrato bruto das folhas de yacon, obtido por extração a frio (Y C ou a quente (Y H, ou por extração hidro-alcoólica (Y E, na glicemia de ratos diabéticos (induzidos por estreptozocina, 50 mg/kg, i.p. e não diabéticos. Os animais foram tratados por via oral com os extratos (400 mg/kg ou água por um período de 3, 7, 10 e 14 dias. Após o tratamento, os animais foram anestesiados e amostras de sangue foram coletadas para determinações dos níveis de glicose e creatinina plasmática e da atividade de enzimas (AST, ALT, ALP. Também foi avaliado o consumo de ração, água, volume de urina, peso corporal dos animais e a DL50 do Y E. O tratamento dos animais com Y E, por 14 dias

  6. Contribuição das folhas cotiledonares para o crescimento inicial de plantas de abóbora híbrida cv. Tetsukabuto Cotiledonary leaves contribution for initial growth of cv. Tetsukabuto hybrid squash

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cassandro Vidal Talamini do Amarante

    1995-01-01

    Full Text Available O presente trabalho foi conduzido com o objetivo de estudar a contribuição das folhas cotiledonares para o crescimento inicial de plantas de abóbora cv. Tetsukabuto. O experimento toi instalado em casa de vegetação, no ano de 1993, em Lages, SC. Foram utilizados nove tratamentos arranjados segundo o delineamento experimental completamente casualizado, com quatro repetições. Os tratamentos empregados consistiram na remoção de um ou dois cotilédones aos 3, 6, 9 e 12 dias após a emergência (DAE e a testemunha. A unidade experimental foi o vaso (10 l, contendo 7kg de solo e duas plantas. O crescimento da testemunha foi quantificado em intervalos de três dias a partir da emergência até 21 DAE, momento este em que foram também avaliados os tratamentos de intensidade e época de remoção dos cotilédones. Os parâmetros avaliados foram: matéria seca (MS da parte aérea, dos cotilédones e do sistema radical, e área foliar e cotiledonar. A remoção de um cotilédone aos 3 DAE afetou todos os parâmetros de crescimento avaliados. A remoção de dois cotilédones até 6 DAE afetou o acúmulo de MS da parte aérea e o incremento de área foliar e até 12 DAE afetou o crescimento do sistema radical. O sistema radical foi o órgão da planta mais dependente dos cotilédones para o seu crescimento. A permanência de um cotilédone a partir de 6 DAE, foi suficiente para sustentar o crescimento inicial das plantas.This study was carried out with the objective of studing the contribution of cotiledonary leaves on initial growth of cv. Tetsukabuto hybrid squash. The treatments consisted of remotion of one or two cotiledons at 3, 6, 9 and 12 days after the emergence (DAE of seedlings besides the control. The expenment was conducted in a greenhouse, in 1993, in Lages, SC. It was used the completely randomized design with four replicates. Each experimental unit consisted of two plants grown in a 7.0kg soil pot. The plant grown of the control

  7. Avaliação das atividades hipoglicemiante e anti-hiperglicemiante do extrato hidroalcóolico das folhas da Averrhoa carambola L. (Oxalidaceae em modelos experimentais de hiperglicemia Evaluation of hypoglycemic and antihyperglycemic activities in hydroethanolic extract of Averrhoa carambola L. (Oxalidaceae in experimental models of hyperglycemia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ciomar Aparecida Bersani-Amado

    2005-03-01

    Full Text Available As atividades hipoglicemiante e anti-hiperglicemiante do extrato hidroalcóolico obtido das folhas da Averrhoa carambola L. (Oxalidaceae foram avaliadas em ratos, utilizando-se diferentes modelos experimentais de hiperglicemia: diabetes tipo 1 induzido por aloxana, intolerância à glicose e resistência aguda à insulina induzidas pela dexametasona e resistência crônica à insulina em modelo de obesidade induzida pelo monoglutamato de sódio. O extrato hidroalcóolico da Averrhoa carambola, na dose de 800 mg/Kg de peso corporal, não apresentou atividades hipoglicemiantes e anti-hiperglicemiantes nos modelos de hiperglicemia testadosThe hypoglycemic and antihyperglycemic activities of a hydroethanolic extract prepared from the leaves of Averrhoa carambola L. (Oxalidaceae was evaluated in rats, through the experimental models of hyperglycemia: type 1 alloxan-induced diabetes, glucose intolerance and insulin resistance induced by dexamethasone and the chronic insulin resistance in obesity model induced by sodium monoglutamate. The hydroethanolic Averrhoa carambola extract at a dosage of 800 mg/Kg body weight did not exhibit hypoglycemic and antihyperglycemic activities in the hyperglycemic experimental models tested

  8. Detection of flavonoids in Alpinia purpurata (Vieill. K. Schum. leaves using high-performance liquid chromatography Detecção de flavonóides em folhas de Alpinia purpurata (Vieill. K. Schum. por cromatografia líquida de alta eficiência

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    C.P. Victório

    2009-01-01

    Full Text Available The species Alpinia purpurata is scarcely cited as to ethnopharmacology and phytochemistry. This study aimed to analyze bioactive compounds through high-performance liquid chromatography (HPLC. Hydroalcoholic crude extract was obtained from A. purpurata dried leaves. Folin-Ciocalteau method was used to quantify total phenols, using gallic acid as standard. The obtained result was 15.6 mg GAE g-1. The crude extract was partitioned with the solvents ethyl acetate and butanol, followed by thin-layer chromatography (TLC and HPLC. The flavonoids kaempferol-3-O-glucuronide and rutin were detected at a higher concentration in ethyl acetate and butanolic extracts. The butanolic extract contains the highest flavonoid percentage (94.3%. A. purpurata presents important flavonoids of therapeutic use, already verified for A. zerumbet. This is the first study verifying the presence of flavonoids in A. purpurata extracts.A espécie Alpinia purpurata apresenta poucas citações referentes a etnofarmacologia e fitoquímica. Este estudo propõe a análise de substâncias bioativas através da técnica de cromatografia líquida de alta eficiência (CLAE. O extrato bruto hidroalcóolico foi obtido a partir de folhas secas de A. purpurata. A quantificação de fenóis totais foi realizada pelo método de Folin-Ciocalteau, usando ácido gálico como padrão. Como resultado, foi verificado 15,6 mg EAG g-1. O extrato bruto foi particionado com os solventes acetato de etila e butanol e depois analisado por cromatografia em camada delgada e CLAE. Nos extratos acetato de etila e butanólico foi detectada a presença dos flavonóides kaempferol-3-O-glicuronídeo e rutina, em maior concentração. O extrato butanólico contém a maior porcentagem de flavonóides (94,3%. Esta espécie possui flavonóides importantes no uso terapêutico, já antes verificados para a espécie A. zerumbet. Este é o primeiro trabalho que verifica a presença de flavonóides em extratos de A

  9. Relaxant effect of the aqueous extract of Erythrina vellutina leaves on rat vas deferens Efeito relaxante do extrato aquoso das folhas de Erythrina vellutina em ducto deferente de rato

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Márcio R. V. Santos

    2007-09-01

    Full Text Available The effect of the Aqueous Extract from the leaves of Erythrina vellutina (AE on rat vas deferens preparation was evaluated in this work. The AE inhibited the muscle contractions induced by electrical field stimulation (EFS in a concentration-dependent manner. This inhibition was not affected by atropine (10-5M, propanolol (10-5M, prazosin (10-5M or yohimbine (10-5M, suggesting that there is no direct interaction of the AE with cholinergic nor adrenergic receptors. Incubation of vas deferens with the K+ channel antagonists, tetraethylamonium (10-6M or 4-aminopyridine (10-6M had also no effect on the AE-induced inhibition. On the other hand, glibenclamide (10-6 significantly attenuated the effect of the AE, suggesting a possible involvement of ATP-dependent K+ channels. The AE (0.15 mg/mL did not alter the contractions induced by noradrenaline (10-5M, ATP (10-4M nor KCl (80 mM, against an interaction of the extract with post-synaptic sites. The data presented suggests that the inhibition of the electrically driven muscle twitches by the AE could be due to a pre-synaptic interaction of the extract with ATP-dependent K+ channels from vas deferens sympathetic neurons.O objetivo deste trabalho foi avaliar o efeito do extrato aquoso das folhas de Erythrina vellutina (AE sobre ducto deferente de rato. Nesta preparação, o AE inibiu as contrações induzidas por estímulo elétrico de campo de maneira dependente da concentração. Esta inibição não foi afetada após atropina (10-5M, propanolol (10-5M, prazosin (10-5M ou yohimbina (10-5M, sugerindo uma ação indireta do AE sobre receptores colinérgicos ou adrenérgicos. A incubação da preparação com os antagonistas de canais de K+, tetraetilâmonio (10-6M ou 4-aminopiridina (10-6M não alterou o efeito inibitório induzido pelo AE. Entretanto, a glibenclamida (10-6M atenuou significantemente este efeito, sugerindo um possível envolvimento de canais de K+ dependentes de ATP. Além disso, o AE (0

  10. Avaliação das atividades antioxidante, anti e pró-hemolítica do extrato etanólico das folhas de Pterogyne nitens Tul. (Fabaceae-Caesalpinioideae Evaluation of antioxidant, anti- and pro-hemolytic activities of ethanol extract from the leaves of Pterogynenitens Tul. (Fabaceae-Caesalpinioideae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    H. Pasquini-Netto

    2012-01-01

    Full Text Available A pesquisa de produtos naturais permite a descoberta de novos princípios ativos, ou ainda, a descoberta de novas atividades para extratos de plantas (amplamente utilizados pela população brasileira e princípios ativos naturais já conhecidos. Pterogyne nitens é uma planta cuja descrição das atividades é relativamente recente e, portanto, tem no extrato bruto boa fonte para pesquisas na área de produtos naturais. Desta forma, o objetivo deste trabalho foi estudar o perfil antioxidante do extrato bruto etanólico das folhas de P. nitens e possível interferência sobre a hemólise provocada pelo radical AAPH•. No estudo da ação antioxidante das espécies estudadas, ABTS•+, DPPH•, H2O2 e HOCl, encontrou-se os valores de IC50 de 5,0 µg mL-1, 17 µg mL-1, sem ação e 3,9 µg mL-1, respectivamente, valores relativamente baixos e que indicam bom potencial antioxidante. Foram encontradas atividades pró-hemolítica e anti-hemolítica para o extrato de forma concentração-dependente. O extrato estudado mostro boa fonte de moléculas naturais com potencial de ação biológica.The search for natural products as a widespread practice enables the discovery of new active principles, or the discovery of new activities for plant extracts (extensively used by the population and natural active principles already known. Pterogynenitensis is a plant whose descriptions of activities are relatively recent and therefore has in its crude extract a good source for research in the field of natural products. Thus, the aim of this study was to evaluate the antioxidant profile of crude ethanol extract from P. nitens leaves and a possible influence on the hemolysis caused by AAPH• radical. For the studied oxidant species, ABTS•+, DPPH•, HOCl and H2O2, the IC50 values were found of 5.0 µg mL-1, 17 µg mL-1, no action at all, and 3.9 µg mL-1, respectively, relatively low values, indicating a good antioxidant potential. Pro- and anti

  11. Soil amendment with chopped or ground dry leaves of six species of plants for the control of Meloidogyne javanica in tomato under greenhouse conditions Incorporação ao solo de folhas secas picadas ou moídas de seis espécies de plantas para o controle de Meloidogyne javanica em tomateiro em casa de vegetação

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Everaldo Antônio Lopes

    2011-06-01

    Full Text Available Greenhouse experiments were conducted to evaluate the effect of soil amendment with chopped (1cm² or ground (1mm sieve dry leaves of assa-peixe (Vernonia polyanthes, lemon-grass (Cymbopogon citratus, eucalyptus (Eucalyptus citriodora, castor (Ricinus communis, mango (Mangifera indica or neem (Azadirachta indica for the control Meloidogyne javanica. Into the soil (Yellow red oxisol of each pot were added leaves (5g kg-1 of soil and 5,000 eggs of the nematode. After seven days, one tomato seedling "Santa Cruz Kada" was transplanted to each pot. The tomato root weight, galls and eggs/root system were determined 60 days after transplant. None of the soil amendments reduced gall or eggs, when applied as leaf pieces. However, all tested plant species reduced the gall number, when they were incorporated into the soil as powder, and maximum nematode suppression occurred in soil amended with neem leaves (61%. The amendment with ground leaves of castor, neem, eucalyptus and lemon-grass reduced the number of eggs, with maximum reduction occurring in soil amended with ground castor leaves (69%, evidencing that these organic amendments can be an alternative for M. javanica control in tomato. Further studies are required under field conditions to confirm the potential of these organic amendments on the control of M. javanica.Experimentos em casa de vegetação foram conduzidos com o objetivo de avaliar o efeito da adição ao solo de folhas secas picadas (1cm² ou trituradas (peneira de 1mm de assa-peixe (Vernonia polyanthes, capim-limão (Cymbopogon citratus, eucalipto (Eucalyptus citriodora, mamona (Ricinus communis, manga (Mangifera indica ou nim (Azadirachta indica para o controle de Meloidogyne javanica. Ao solo de cada vaso (latossolo vermelho-amarelo, foram adicionadas folhas (5g kg-1 de solo e 5.000 ovos do nematoide. Após sete dias, uma muda de tomateiro "Santa Cruz Kada" foi transplantada em cada vaso. O peso das raízes e os números de galhas e

  12. Avaliação toxicológica pré-clínica do chá das folhas de Morus nigra L. (Moraceae) Pre-clinical toxicological evaluation of tea from the leaves of Morus nigra L. (Moraceae)

    OpenAIRE

    Oliveira,A.C.B.; Oliveira, A.P.; Guimarães,A.L.; R A Oliveira; Silva, F.S.; S.A.G.B. Reis; Ribeiro,L.A.A.; Almeida,J.R.G.S.

    2013-01-01

    O objetivo desse estudo foi realizar um ensaio toxicológico pré-clínico para analisar a toxicidade do chá das folhas de Morus nigra L. (Moraceae). A toxicidade subcrônica do chá (CF-Mn) foi avaliada durante 30 dias por via oral em ratos. Ao grupo controle foi administrado água, para comparação. Durante o período experimental foi avaliada a presença de sinais de toxicidade, variação do peso corporal, e o consumo de líquido e alimento. Ao final do experimento o sangue dos animais foi retirado p...

  13. Análise morfométrica das células de cloro de Poecilia vivípara expostas a frações da folha e da casca do caule de Caryocar brasiliensis - DOI: 10.4025/actascibiolsci.v25i1.2107 Morphometric analysis of Poecilia vivipara chloride cells exposed to fractions of Caryocar brasiliensis leaf and bark - DOI: 10.4025/actascibiolsci.v25i1.2107

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Simone Maria Teixeira de Saboia Morais

    2003-04-01

    Full Text Available Frações da folha e casca de pequi (Caryocar brasiliensis, testadas como moluscicidas, combateram o hospedeiro intermedário da esquistossomose. O nicho ecológico desse molusco está associado a mananciais de água. Além disso foi verificada a ação fungiotóxica da fração acetato de etila (folha, que apresentou elevada atividade frente ao fungo Paracoccidioides brasiliensis. Utilizou-se o epitélio branquial de Poecilia vivípara (Cyprinodontiformes, Poeciliidae, para testar a toxicidade dessas frações para células animais. Análises quantitativas demonstraram redução da densidade numérica das células de cloro expostas às frações da folha e aumento das expostas à casca. A folha e a casca causaram a redução da área das células de cloro (CC no filamento branquial. O perímetro das CC não sofreu alteração significativa perante tais frações. A fração aquosa da folha foi mais tóxica ao guaru. Frações da casca são menos prejudiciais, podendo ser empregadas no controle de populações celulares, pois se mostraram muito eficazesFractions of Caryocar brasiliensis leaf and bark, tested as molluscicidal, fought the intermediary host of schistosomiasis. The ecological niche of this mollusk is related to water sources. Besides this, a fungitoxic action of the ethyl-acetate fraction (leaf was verified, exhibiting high activity towards Paracoccidioides brasiliensis. The gill epithelium of Poecilia vivipara (Cyprinodontiformes, Poeciliidae was used to test the toxicity of these fractions to animal cells. Quantitative analyses demonstrated a decrease in the density of chloride cells exposed to the leaf fractions and an increase in those exposed to bark fractions. The leaf and bark fractions induced a decrease in the area of the chloride cells (CC in the gill filament. The perimeter of the CC did not suffer significant changes in face of these fractions. The aqueous fraction of the leaf is more toxic to the guaru. Bark fractions

  14. Neolignanas e análise do óleo essencial das folhas de Piper regnellii (Miq. C. DC. var. pallescens (C. DC. Yunck Neolignans and the analysis of the essential oil of Piper regnellii (Miq. C. DC. var. pallescens (C. DC. Yunck leaves

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    G.L. Pessini

    2005-09-01

    Full Text Available O óleo essencial das folhas de Piper regnellii (Miq. C. DC. var. pallescens (C. DC. Yunck Piparaceae, coletadas no Horto de Plantas Medicinais da Universidade Estadual de Maringá, foi obtido por hidrodestilação. Uma análise preliminar por CG/EM e RMN 13C foi realizada. O b-mirceno (70% foi identificado como componente majoritário através da comparação dos espectros de massa e RMN 13C com dados da literatura. Quatro neolignanas foram isoladas do extrato hidroetanólico das folhas e identificadas: eupomatenóide-6, eupomatenóide-5, eupomatenóide-3 e conocarpano. As estruturas dessas substâncias foram estabelecidas por meio de estudos de RMN ¹H e 13C, ¹H x ¹H - COSY, HETCOR, HMBC, gNOE e EM.The essential oil of Piper regnellii (Miq. C. DC. var. pallescens (C. DC. Yunck Piparaceae leaves, which were collected at a tree farm named Horto de Plantas Medicinais of the Universidade Estadual de Maringá, was obtained by hydrodistillation. A preliminary analysis by GC/MS was carried out. b-mirceno (70% was identified as the main constituent by comparing MS and 13C NMR with the literature data. Four neolignans were isolated from the leaves and identified: eupomatenoid-6, eupomatenoid-5, eupomatenoid-3 and conocarpan. Their structures were established by extensive ¹H and 13C NMR, ¹H x ¹H - COSY, HETCOR, HMBC, gNOE and MS spectral studies.

  15. Composição química e atividade biológica dos óleos essenciais das folhas e caules de Rhodostemonodaphne parvifolia Madriñán (Lauraceae Composition and biology activity of essential oils from leaves and stems of Rhodostemonodaphne parvifolia Madriñán (Lauraceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Joelma Moreira Alcântara

    2010-09-01

    Full Text Available Os óleos essenciais das folhas e caules de Rhodostemonodaphne parvifolia coletada na Reserva Florestal Adolpho Ducke foram obtidos por hidrodestilação e analisados por cromatografia em fase gasosa com detector de ionização de chama e espectrometria de massas. Treze constituintes foram identificados nas folhas, dos quais o ß-cariofileno foi o que apresentou maior percentual (41,30%. Nos caules foram identificados quinze compostos, com predominância dos sesquiterpenos ß-cariofileno (16,20% e epi-cedrol (13,30% e do monoterpeno linalol (15,40%. Os óleos foram analisados em ensaios químicos, de sequestro do radical livre DPPH, e enzimáticos, de inibição da enzima acetilcolinesterase. Nos ensaios de sequestro de radicais livres, apesar de terem se mostrado ativos em ensaios qualitativos, os óleos essenciais apresentaram fraca atividade antioxidante no ensaio quantitativo (inativos em concentração inferior a 1.000 µg/mL. A inibição da acetilcolinesterase só foi observada nos óleos essenciais das folhas. A composição química e a atividade biológica destes óleos estão sendo relatadas pela primeira vez neste trabalho.The essential oils of leaves and stems of Rhodostemonodaphne parvifolia collected in the Adolpho Ducke Forest Reserve were obtained by hydrodistillation and analyzed by GC-FID and GC-MS. Thirteen components were identified in the leaf oil, of which ß-caryophyllene was the major (41.30%. Fifty components were identified in the stem oil, among them the sesquiterpenes ß-caryophyllene (16.20% and epi-cedrol (13.30%, together with the monoterpene linalool (15.40%. The essential oils were analyzed at chemical, DPPH free radical scavenging; and enzymatic bioassays, acetylcholinesterase inhibition. At antioxidant DPPH assays, the oils showed to be active at the qualitative assay but only weakly active at quantitative test (inactive at concentration lower than 1,000 µg/mL. The inhibition of acetylcholinesterase was

  16. Anatomia comparada das folhas de espécies de Peperomia (Piperaceae: I. Ontogênese do tecido aqüífero e dos estômatos Comparative leaf anatomy of Peperomia (Piperaceae: I. Ontogenesis of the aquiferous tissue and the stomata

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Nathieli Keila Takemori

    2003-09-01

    Full Text Available A maioria das espécies de Peperomia apresenta tecido que reserva água na face adaxial de suas folhas. Esse tecido pode variar em espessura, determinando maior ou menor suculência à folha. A fim de se determinar a origem de estruturas anatômicas relevantes ao grupo, o presente trabalho descreveu o desenvolvimento do tecido especializado na reserva de água, bem como a ontogênese dos estômatos de P. catharinae Miquel, P. emarginella (Sw. C.DC., P. quadrifolia (L. Kunth e P. rotundifolia (L. Kunth. Para tanto, foram observadas folhas jovens do ápice caulinar e do primeiro nó subseqüente, em secções transversais e paradérmicas. As técnicas utilizadas foram as usuais para microscopia fotônica. Todas as espécies apresentaram tecido especializado na reserva de água, originado de divisões periclinais das células protodérmicas. A ontogênese estomática é mesoperígena, dando origem a estômatos anisocíticos, tetracíticos e estaurocíticos.Most species of Peperomia presents a water reservoir tissue on the adaxial surface of the leaf. This tissue can vary in thickness determining more or less succulence to the leaf. On purpose of determining the origin of important anatomic structures for this group, the present work describes the development of the water reservoir specialized tissue, as well as the stomata ontogenesis for P. catharinae Miquel, P. emarginella (Sw. C.DC., P. quadrifolia (L. Kunth and P. rotundifolia (L. Kunth. Young leaves from the stem apex and the first node were observed in cross and paradermic sections. The techniques were the usual for light microscopy. All the species presented the water reservoir specialized tissue originated from periclinal divisions of protodermal cells. The stomata ontogenesis is mesoperigenous and it gives rise to anisocytic, tetracytic and staurocytic stomata.

  17. Efeitos da adubação NPK nos teores de macronutrientes das folhas de cana-de-açúcar (cana-soca Leaf macronutrient affected by NPK fertilization in sugar cane ratoon crops

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ademar Espironelo

    1986-01-01

    Full Text Available Foram utilizados oito ensaios de adubação NPK, em cana-soca do cultivar CB41-76, conduzidos em diversos solos do Estado de São Paulo, sendo quatro em Latossolo Roxo, um em Latossolo Vermelho-Amarelo textura argilosa, um em Latossolo Vermelho-Amarelo textura média, um em solos Podzolizados de Lins e Marília variação Manilha e outro em variação Lins. Aos quatro meses de idade da cana-soca, amostras de folhas + 3 foram coletadas para fins de análise de macronutrientes. As variações dos teores de macronutrientes foram mais acentuadas entre localidades do que entre doses dos respectivos adubos. Correlações positivas e significativas foram obtidas somente entre os teores de potássio nas folhas e as produções de cana. Devido às variações acentuadas dos teores de macronutrientes nas folhas de cana-soca em relação a diferentes localidades, as seguintes faixas de teores de nutrientes poderão ser, provisoriamente, consideradas como adequadas: N - 1,53 a 2,22%; P-0,14 a 0,20%; K - 1,24 a 1,59%; Ca-0,38 a 0,71%; Mg - 0,11 a 0,20% e S-0,11 a 0,31%.Eight fertilizer experiments with sugarcane ratoon crops (CB41-76 variety were carried out at several soils in the State of São Paulo, Brazil. Four of them were established on the Dusky Red Latosol, one in the clayey textured Red Yellow Latosol, one in a medium textured Dark Red Latosol and two in the Podzolized soils from calcareous sandstones sediments. Four month old leaves of position +3 were collected and analyzed for macronutrients. Considering the wide variation among localities, the following ranges of leaf nutrient contents were tentatively taken as adequate for sugarcane ratoon crops: N - 1.53 to 2.22%; P - 0.14 to 0.20%; K - 1.24 to 1.59%; Ca - 0.38 to 0.71%; Mg - 0.11 to 0.20% and S - 0.11 to 0.31%.

  18. Folhas de mandioca: caracterização de compostos fenólicos, atividades antioxidante e inseticida

    OpenAIRE

    Santos, Mírian Aparecida Isidro dos

    2014-01-01

    Os objetivos neste trabalho foram caracterizar os compostos fenólicos e avaliar as atividades antioxidante e inseticida da farinha de folhas de mandioca (FFM). Folhas maduras de mandioca (Manihot esculenta Crantz cv. Pão da China) foram coletadas aos 12 meses de idade da planta e transportadas ao laboratório. As folhas foram lavadas em água e em seguida colocadas em estufas com circulação de ar para secagem por 48 horas, à temperatura entre 30oC e 35oC. Após secagem, as folhas foram moídas pa...

  19. Atividade antimicrobiana de extratos hidroalcoolicos das folhas de alecrim- pimenta, aroeira, barbatimão, erva baleeira e do farelo da casca de pequi Antimicrobial activity of hydroalcoholic extracts from rosemary, peppertree, barbatimão and erva baleeira leaves and from pequi peel meal

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Lucinéia de Pinho

    2012-02-01

    Full Text Available Avaliou-se o perfil fitoquímico de extratos hidroalcoólicos padrão (EAPs, obtidos a partir das folhas de alecrim-pimenta (Lippia sidoides, aroeira (Myracrodruon urundeuva, barbatimão (Stryphnodendron adstringens, erva baleeira (Cordia verbenacea e do farelo da casca do fruto do pequi (Caryocar brasiliense e a atividade antimicrobiana de diferentes concentrações desses EAPs contra Staphylococcus aureus e Escherichia coli. Após coleta e identificação, as folhas das plantas e cascas do pequi foram usadas para preparação dos EAPs e submetidas a rastreamento fitoquímico. A atividade antimicrobiana dos EAPs em diferentes diluições (200, 300, 400 e 500mg mL-1 foi testada pela técnica de difusão em ágar. O rastreamento fitoquímico detectou componentes com potencial antimicrobiano em todos os EAPs. Nos testes de difusão em ágar, os extratos de aroeira (≥200mg mL-1, barbatimão (≥300mg mL-1 e erva-baleeira (≥400mg mL-1 inibiram o crescimento de S. aureus, mas não de E. coli. Os EAPs não mostraram atividade sobre E.coli, todavia as folhas de aroeira, barbatimão e erva-baleeira evidenciaram potencial para inibir o crescimento de S. aureus. O uso das folhas e cascas dessas espécies vegetais pode constituir-se numa alternativa sustentável, viável e acessível para tratamento antimicrobiano.This study evaluated the phytochemical profile of standardized hydroalcoholic extracts (EAPs obtained from leafs of rosemary (Lippia sidoides, peppertree (Myracrodruon urundeuva, barbatimão (Stryphnodendron adstringens, erva baleeira (Cordia verbenacea and from the meal of pequi fruit peel (Caryocar brasiliense and the activity of different levels of these EAPs against Staphylococcus aureus and Escherichia coli. After collection and identification of the species, plant leaves and pequi peel were separated to prepare the EAPs. The EAPs underwent phytochemical screening. The antimicrobial activity of the EAPs at different dilutions (200, 300

  20. Avaliação do uso da casca do fruto e das folhas de Caesalpinia ferrea Martius como suplemento nutricional de Fe, Mn e Zn Evaluation of the use of the fruit peel and leaves of Caesalpinia ferrea Martius as a nutritional supplement of Fe, Mn and Zn

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Clelivaldo Santos da Silva

    2010-09-01

    Full Text Available As plantas medicinais podem ser usadas como fontes alternativas de nutrientes minerais na dieta alimentar. Elementos como ferro, manganês e zinco apresentam biodisponibilidade variável em função de suas formas químicas (espécies presentes em um alimento. Este trabalho tem como objetivo avaliar o teor e a biodisponibilidade de ferro, manganês e zinco em extratos da casca do fruto e das folhas de Caesalpinia ferrea Martius por Espectrometria de Absorção Atômica com Chama (FAAS. Os agentes extratores testados foram as soluções de NaOH 0,05 mol. L-1, tampão Tris-HCl 0,05 mol.L-1 (pH= 8, tampão Tris-HCl 0,05 mol.L-1 (pH = 8 em dodecil sulfato de sódio (SDS 1% (m/v, HCl 0,05 mol.L-1 e água quente (60 ºC. A casca do fruto e as folhas de Caesalpinia ferrea Martius apresentaram níveis altos de ferro e manganês quando comparados aos de outras plantas medicinais. Os elementos estudados mostraram predominante associação com compostos de alta e baixa massa molecular, espécies solúveis e insolúveis em água. Dentre os elementos analisados, o ferro apresentou melhor biodisponibilidade na casca do fruto e nas folhas. Manganês e zinco se mostraram mais biodisponível nas folhas. A casca do fruto e as folhas de Caesalpinia ferrea Martius podem ser uma fonte alternativa de ferro, manganês e zinco na dieta alimentar.Medicinal plants can be used as alternative sources of mineral nutrients in the alimentary diet. Elements such as iron, manganese, and zinc present variable bioavailability due to their chemical form (species present in foods. This work has the objective of evaluating the concentration and bioavailability of iron, manganese, and zinc in extracts of the peel and leaves of Caesalpinia ferrea Martius by Flame Atomic Absorption Spectrometry (FAAS. The extraction agents tested were 0.05 mol.L-1 NaOH, 0.05 mol.L-1 Tris-HCl buffer (pH 8.0, 0.05 mol.L-1 Tris-HCl buffer (pH 8.0 containing 1% (m/v sodium dodecylsulfate (SDS, 0.05 mol.L-1

  1. Estudo fitoquímico e análise mutagênica das folhas e inflorescências de Erythrina mulungu (Mart. ex Benth. através do teste de micronúcleo em roedores Phytochemical and mutagenic analysis of leaves and inflorescences of Erythrina mulungu (Mart. Ex Benth through micronucleus test in rodents

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    A.P De Bona

    2012-01-01

    Full Text Available Este trabalho teve como objetivo investigar a composição química, estabelecer a dose letal média (DL50 e avaliar os potenciais efeitos mutagênicos do extrato hidroalcoólico de folhas e inflorescências de Erythrina mulungu Mart. ex Benth por meio do teste de micronúcleo em medula óssea de camundongos. Os ensaios fitoquímicos foram realizados através de reações preliminares com mudança de coloração e/ou formação de precipitado; a DL50, por meio da administração intraperitoneal de três concentrações dos extratos, avaliando-se o número de óbitos após 48 horas e o teste de micronúcleo foi feito por meio do método do esfregaço, após exposição dos animais a cinco dias de tratamento. Os resultados fitoquímicos demonstraram presença de açúcares redutores, fenóis e taninos, proteínas e aminoácidos, flavonóides, alcalóides, depsídeos e depsidonas e derivados de cumarina em ambos os órgãos; saponinas espumídicas e esteróides e triterpenóides nas folhas e glicosídeos cardiotônicos e antraquinônicos e alcalóides nas inflorescências. Para a DL50 a folha demonstrou-se atóxica e a inflorescência moderadamente tóxica. Para o teste de micronúcleo, os resultados indicaram ausência de citotoxicidade e genotoxicidade dose-dependente para as folhas e independente da dose para as inflorescências. Assim, esses resultados sugerem que a planta, nas condições analisadas, possui potencial para induzir danos ao DNA.This study aimed to investigate the chemical composition, to establish the mean lethal dose (LD50 and to assess the potential mutagenic effects of hydroalcoholic extract of leaves and inflorescences of Erythrina mulungu Mart. ex Benth by using micronucleus test in bone marrow of mice. Phytochemical assays were carried out through preliminary reactions with color change and/or precipitate formation; the LD50 was obtained by intraperitoneal administration of three concentrations of the extracts, assessing

  2. Digestibilidade de rações e valor de energia metabolizável da farinha das folhas da mandioca e do feno do terço superior da rama de mandioca com e sem tratamento alcoólico para codornas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luiz Carlos Machado

    2015-07-01

    Full Text Available Com a presente pesquisa, objetivou-se estudar a digestibilidade da energia em rações para codornas e determinar a energia metabolizável da farinha das folhas de mandioca (FFM e do feno do terço superior da rama da mandioca (FTSRM, com e sem tratamento alcoólico. Foram utilizadas 224 codornas em postura (Coturnix coturnix Temminck & Schlegel, 1849, distribuídas em quatro tratamentos com quatro repetições cada, utilizando 14 aves em cada parcela experimental, sendo uma ração-referência e três em que o alimento-teste substituiu essa ração em 17,2%. Para tratamento alcoólico do FTSRM, foi utilizada uma mistura 50% v/v de álcool etílico hidratado com água, na qual foram submersos 1,5 kg do FTSRM, previamente moído, em 3 imersões consecutivas. Foi observado que a inclusão dos ingredientes fibrosos piorou a digestibilidade da energia das rações (P<0,05 em razão do maior nível de fibra dessas rações. A FFM e o FTSRM sem tratamento e o tratado com solução alcoólica apresentaram, respectivamente, 1497,61, 1539,61 e 1909,57 kcal EM/kg MS, havendo aumento considerável na energia metabolizável a partir do tratamento da rama com solução alcóolica. São necessárias novas pesquisas para maior elucidação do efeito do tratamento alcoólico sobre a melhoria do valor nutricional de ingredientes fibrosos.

  3. Avaliação nutricional do feno das folhas da amoreira (Morus alba L. em frangos de corte - doi: 10.4025/actascianimsci.v33i4.10679 Nutritional assessment of mulberry (Morus alba L. leaf hay in broilers - doi: 10.4025/actascianimsci.v33i4.10679

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Euclides Braga Malheiros

    2011-09-01

    Full Text Available O experimento foi conduzido com o objetivo de avaliar nutricionalmente o feno das folhas de amoreira, utilizando-se de frangos de corte. Foram utilizados cinco tratamentos (Testemunha (sem amoreira, 3,16% FB, 15% de amoreira (4,14% FB, 30% de amoreira (5,09% FB, Sem amoreira (4,14% FB e Sem amoreira (5,09% FB usando-se o delineamento em blocos casualizados, com dois blocos e três repetições dentro de cada bloco e avaliados os índices de desempenho, o exame histopatológico dos órgãos viscerais e medidas morfométricas do núcleo dos hepatócitos e ácinos pancreáticos. Foi verificado o pior desempenho produtivo para as aves que ingeriram feno de folhas de amoreira, além de lesões tais como esteatose, proliferação de células de ductos hepáticos e necrose focal múltipla no fígado das aves alimentadas com o tratamento 30% de amoreira (5,09% FB, além da diminuição nas dimensões do núcleo dos hepatócitos e dos ácinos pancreáticos.The trial was carried to evaluate the nutritional effects of mulberry leaf hay in broiler chickens. Five treatments were used: control (no mulberry, 3.16% CF; 15% mulberry (4.14% CF; 30% mulberry (5.09% CF, no mulberry (4.14% CF; no mulberry (5.09% CF. A randomized blocks design was used, with two blocks and three replications into the blocks to evaluate performance index, histopathological examination of the visceral organs and morphometric measurements of the hepatocyte nucleus and pancreatic acini. A poor performance index was observed for broilers feeding on mulberry leaves; lesions such as steatosis, proliferation of hepatic duct cells and multiple necrosis were found in the livers of the chickens fed with 30% mulberry (5.09% CF, as well as size reduction of the hepatocyte nucleus and pancreatic acini. From these data, it is concluded that mulberry probably has some toxic substance which can interfere in the improvement of diet ingredients, resulting in damage to broiler chickens.

  4. Aplicação foliar de nitrogênio em videira: avaliação do teor na folha e das reservas nitrogenadas e de carboidratos nas gemas dos ramos do ano Nitrogen foliar spraying in grapevine: content in leaves and reserve of nitrogen and carboihydrates in shoots buds

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Gustavo Brunetto

    2008-12-01

    Full Text Available No Rio Grande do Sul (RS, as aplicações foliares de nitrogênio, quando necessárias, têm sido usadas para complementar a adubação via solo. Entretanto, carece-se de informações dos efeitos da freqüência e da quantidade de N aplicado sobre a sua dinâmica na folha e de reservas nitrogenadas e de carboidratos nas partes perenes da videira, que compõem o objetivo deste trabalho. O trabalho foi conduzido em um vinhedo da cultivar Chenin Blanc, safra 2004/05, na Embrapa Uva e Vinho, em Bento Gonçalves (RS, sobre um Neossolo Litólico. Os tratamentos consistiram de uma, duas e três aplicações foliares de 0 (água; 1,11; 2,23; 3,31 e 4,41g de N planta-1. Após cada aplicação de nitrogênio, foram coletadas folhas inteiras (limbo+pecíolo no terço médio dos ramos do ano, no interior e exterior dos diferentes lados da planta, secas, moídas e preparadas para a análise de N total. Na última época de coleta de folhas, foram coletados três ramos do ano em cada planta, retiradas seis gemas em cada ramo, as quais foram submetidas à análise de amido, carboidratos solúveis totais, carboidratos redutores, aminoácidos totais e proteínas totais. As aplicações foliares de N aumentaram o teor do nutriente na folha inteira, de forma destacada, nas épocas de coletas próximas às aplicações; entretanto, essas aplicações diminuíram os teores de amido e carboidratos solúveis totais nas gemas dos ramos do ano e não afetaram os teores de carboidratos redutores e os totais de aminoácidos e proteínas.Leaf nitrogen application is used in grapevines in Southern Brazil as complement to soil fertilization. On the other hand, there is no information about its affects on nitrogen content in the leaves and nitrogen and carbohydrates reserves in the perennial parts. The experiment was carried out in 2004/2005, with the objective to evaluate the effect of nitrogen foliar spraying on leaves and nitrogen and carbohydrates reserves in shoots buds

  5. Composição química e atividade biológica das folhas e frutos de Triphasia trifolia Chemical composition and biological activity of leaves and fruits of Triphasia trifolia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Renata P. dos Santos

    2008-01-01

    Full Text Available The chemical composition of the essential oils from leaves and fruits of Triphasia trifolia was analyzed by GC-FID and GC-MS. The major constituents of oil obtained from leaves were sabinene (35.4% and myrcene (34.1%, while the prevalent compounds in oil from fruits were sabinene (37.2%, beta-pinene (23.95 and gamma-terpinene (16.3%. Both oils showed moderate antimicrobial activity. The fruit decoction was also investigated leading to the isolation of the coumarins isopimpinelin, (R-byakangelicin and (S-mexoticin. From leaves were isolated the coumarins (R-byakangelicin, aurapten, (S-mexoticin, isosibiricin, isomerazin and coumurrayin and the flavonoid vitexin. All coumarins showed cholinesterase inhibition on TLC tests.

  6. Controle da ferrugem das folhas do capim-limão [Cymbopogon citratus (DC: Stapf] com produtos naturais Rust control in leaves of lemongrass [Cymbopogon citratus (DC: Stapf] by using natural products

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    E.R. Lorenzetti

    2012-01-01

    Full Text Available Cymbopogon citratus (DC. Stapf é uma planta medicinal pertencente a família Poaceae, perene, importante para a indústria farmacêutica e alimentícia devido ao óleo essencial que produz. Um problema limitante para a produção comercial é a ferrugem, doença cujo agente etiológico é o fungo Puccinia nakanishikii Dietel. O presente trabalho objetivou avaliar a ação de produtos naturais no controle da doença in vitro e in vivo. Para os testes in vitro, empregaram-se os seguintes produtos sobre a germinação de esporos do patógeno: óleos essenciais de eucalipto, palma-rosa, cravo-da-índia, menta, limão, citronela e mil-folhas; extrato pirolenhoso de eucalipto e mentol cristalizado, em diferentes concentrações. Para os testes de campo foram selecionados quatro produtos, o óleo de citronela e de eucalipto, o extrato pirolenhoso, e o mentol. In vitro, todos os agentes mostraram-se promissores no controle do patógeno. Quando em condições in vivo, sob alta severidade da doença no ato da avaliação, os produtos testados foram capazes de reduzir a severidade da doença em comparação com a testemunha. O controle da doença com os agentes naturais variou de 38% (extrato pirolenhoso a 61%(óleo essencial de eucalipto.Cymbopogon citratus (DC. Stapf is a medicinal plant that belongs to the Poaceae family; it is perennial and important for the pharmaceutical and food industry due to the essential oil it produces. A limiting problem for commercial production is rust, a disease that has as etiological agent the fungus Puccinia nakanishikii Dietel. The present study aimed to evaluate the action of natural products on the disease control, in vitro and in vivo. For the in vitro tests, the following products were employed on the germination of the pathogen spores: essential oils from eucalyptus, palmarosa, clove, peppermint, lemon, citronella and yarrow, pyroligneous extract from eucalyptus, and crystallized menthol, at different

  7. Effects of ethanolic extract of leaves of Lafoensia pacari A. St.-Hil., Lythraceae (pacari, in pain and inflammation models Efeitos do extrato etanólico das folhas de Lafoensia pacari A. St.-Hil., Lythraceae (pacari, em modelos de dor e inflamação

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Heloisa Alves Guimarães

    2010-07-01

    Full Text Available Lafoensia pacari A. St.-Hil., Lythraceae, popularly known as pacari, is a Cerrado's native specimen; the stem bark extract is used in folk for pain and inflammation, also showing sedating activity. This study aimed to evaluate the analgesic and anti inflammatory activities of ethanol extract from pacari leaves (EEPL. These activities were verified in mice. The previous treatment with EEPL 1.0 g/kg showed antinociceptive activity both in the acetic acid-induced writing test and in the formalin-induced model of pain, and in neurogenic and inflammatory phases as well. In the croton oil-induced ear edema, the pre-treatments with EEPL reduced the edema in a dose-dependent manner. Also in the carrageenan-induced peritonitis, the two major doses tested (2.0 and 1.5 g/kg p.o. were able to reduce the leukocyte migration in a dose-dependent manner. The Central Nervous System tests showed that the extract does not elicit uncoordinated motricity, hypnosis or sedating effects. The results showed that EEPL maintains the analgesic and anti-inflammatory effects of the stem bark of pacari, being the collect of leaves more favorable to the preservation of this Cerrado's native specimen.O pacari (Lafoensia pacari A. St.-Hil., Lythraceae é uma espécie vegetal nativa do cerrado, o extrato da casca de caule é utilizado popularmente para dores e inflamação, tendo mostrado atividade sedativa. Este trabalho objetivou avaliar os efeitos do extrato etanólico das folhas do pacari (EEFP como analgésico e antiinflamatório. As atividades analgésica e antiinflamatória foram verificadas em camundongos. O tratamento prévio com EEFP 1,0 g/kg mostrou atividade antinociceptiva tanto no método das contorções abdominais induzidas por ácido acético como também no modelo de dor induzida por formalina, tanto na fase neurogênica quanto na fase inflamatória. Os pré-tratamentos com o EEFP reduziram o edema de orelha, induzido por óleo de cróton, de forma dose

  8. O jornalismo e a “lei anti-homofobia”: uma análise das categorizações de pertencimento sobre o projeto de lei 122 nos jornais O Globo e Folha de São Paulo

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Juliana Depiné Alves Guimarães

    2016-09-01

    Full Text Available Uma das principais reivindicações dos movimentos brasileiros de minorias sexuais nas últimas duas décadas tem sido a aprovação de uma lei que criminalize a homofobia em âmbito federal. O Projeto de Lei da Câmara n. 122/06, proposto originalmente em 2001, tinha como objetivo punir a discriminação ou preconceito de origem, condição de pessoa idosa ou com deficiência, gênero, sexo, orientação sexual ou identidade de gênero. Nosso objetivo é investigar a cobertura jornalística a respeito do projeto, à luz de princípios metodológicos oriundos da Análise de Categorização de Pertencimento (Membership Categorization Analysis, no original. Argumentamos que o espaço jornalístico é privilegiado no que tange à investigação das estratégias discursivas acionadas por diversos campos em seus posicionamentos sobre o projeto de lei.

  9. Atividades antiúlcera e antioxidante do extrato de folhas de Syzygium jambos (L. Alston (Myrtaceae Antiulcerogenic and antioxidant activities of leaf extract of Syzygium jambos (L. Alston (Myrtaceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Raquel S. Donatini

    2009-03-01

    Full Text Available Syzygium jambos (L. Alston, Myrtaceae, é empregado na medicina popular como digestivo e antiinflamatório. A triagem fitoquímica da droga pulverizada (folhas indicou a presença de flavonóides, taninos e óleo volátil. O extrato hidroetanólico a 70% das folhas de S. jambos foi preparado por percolação e liofilizado. O conteúdo de taninos das folhas e do extrato foi calculado, respectivamente, em 21,9% e 43,3%. O teor de flavonóides foi de 0,6% (folhas e 1,2% (extrato. A administração oral prévia do extrato (400 mg/kg a ratos Wistar reduziu significativamente as lesões gástricas induzidas por etanol acidificado. No modelo de úlcera subcrônica, com indução de lesão gástrica utilizando ácido acético a 30%, o tratamento com o extrato (400 mg/kg não apresentou resultado significativo. A atividade antioxidante do extrato foi avaliada através dos modelos de lipoperoxidação e de medida de capacidade seqüestrante de radicais DPPH. Os valores obtidos de Q1/2 (MDA e CE50 (DPPH foram, respectivamente, 0,17 μg/mL e 5,68 μg/mL.Syzygium jambos (L. Alston, Myrtaceae, is commonly employed in folk medicine as digestive and anti-inflammatory. Phytochemical screening of the powdered dried leaves indicates the presence of flavonoids, tannins and essential oil. Hydroethanol extracts (70% were prepared by percolation and freeze-drying. The tannin content of dried leaves and extract was, respectively, 21.9% and 43.3%. The flavonoid content was 0.6% (dried leaves and 1.2% (extract. Previous oral administration of S. jambos leaves extract (400 mg/kg to rats reduced significantly gastric injury induced by HCl/ethanol. At the subcronic ulcer model by induction with 30% acetic acid the results were not significant. In vitro antioxidant activity of S. jambos extract was evaluated by malondialdehyde (MDA and DPPH free radical method. The Q1/2 for MDA assay was 0.17 μg/mL and the EC50 for DPPH assay was 5.68 μg/mL.

  10. Efeitos da farinha de folhas de mandioca sobre a atividade das enzimas AST, ALT, FA e lipídios hepáticos de ratos Wistar Effects of cassava leaves flour on the AST, ALT, ALP enzymes activity and hepatic lipids of Wistar rats

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Daniela Séfora de Melo

    2008-12-01

    Full Text Available Folhas de mandioca possuem substâncias como ligninas e saponinas que podem apresentar efeito hipolipidêmico. Todavia, um estudo recente relatou aumento no peso do fígado de ratos alimentados com dietas contendo farinha de folhas de mandioca (FFM - Manihot esculenta Crantz cv. Cacao, tornando-se necessário um estudo mais aprofundado dos efeitos desta farinha sobre os parâmetros hepáticos. Para este estudo, um ensaio biológico com 32 ratos machos Wistar foi conduzido por um período de 7 semanas, sendo os tratamentos: dieta controle e dietas contendo 5, 10 e 15% de FFM. As dietas contendo FFM não apresentaram efeitos sobre as atividades das enzimas Aspartato Aminotransferase (AST e Fosfatase Alcalina (FA, mas aumentaram significativamente a atividade da enzima alanina aminotransferase (ALT. O estudo histopatológico revelou vacuolização do citoplasma dos hepatócitos para todos os grupos. No entanto, a freqüência de animais com vacuolização acentuada foi superior nos grupos que receberam dietas com FFM, apresentando também maiores teores de lipídios e colesterol total hepáticos e maior relação peso fígado/peso corporal. Estes resultados indicam que os antinutrientes presentes nas folhas de mandioca, como taninos, cianeto e saponinas, podem ser responsáveis pela redução da função hepática nos animais alimentados com FFM.Cassava leaves contain substances such as lignins and saponins that can present the hypolipidemic effect. However, a recent study has reported an increase in liver weight of rats fed diet containing cassava leaves flour (CLF - Manihot esculenta Crantz cv. Cacao. Thus, a further study of the effect of this flour on the hepatic parameters is necessary. For the development of this study, a biological assay with 32 male Wistar rats was conducted for a period of 7 weeks with the following treatments: control diet and diets containing 5, 10, and 15% of CLF. The diets containing CLF showed no effects on the

  11. Estudo fitoquímico do decocto das folhas de Maytenus truncata Reissek e avaliação das atividades antinociceptiva, antiedematogênica e antiulcerogênica de extratos do decocto Phytochemical study of the decoct from the leaves of Maytenus Truncata Reissek and the evaluation of the antinociceptive, antiedematogenic and antiulcerogenic activities of the decoct extracts

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ana Paula Nascentes de Deus Fonseca

    2007-08-01

    Full Text Available The present paper describes the phytochemical investigation and biological activities of the chloroform, ethyl acetate and methanol extracts of leaf decocts of M. truncata Reiss (Celastraceae. Our studies afforded two flavonoid glycosides, quercetin-3-O-rhamnopyranosyl-O-glucopyranosyl- O-rhamnopyranosyl-O-galactopyranoside (1 and kampferol-3-O-rhamnopyranosyl-O-glucopyranosyl- O-rhamnopyranosyl-O-galactopyranoside (2 from the methanolic extract and dulcitol (3 from the ethyl acetate extract. Ethyl acetate and methanol extracts exhibited considerable antiulcerogenic and analgesic activities. The results of the phytochemical studies suggest that the healing activity of methanol extracts can be related to the presence of glycosyl flavonoids.

  12. Composição química do óleo essencial e avaliação da atividade antimicrobiana do óleo essencial, extrato etanólico bruto e frações das folhas de Spiranthera odoratissima A. St.-Hil Chemical composition of the essential oil and evaluation of the antimicrobial activity of essential oil, crude ethanol extract and fractions of Spiranthera odoratissima A. St.-Hil. leaves

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    B.A. Chaibub

    2013-01-01

    Full Text Available A Spiranthera odoratissima A. St.-Hil (manacá é utilizada popularmente como depurativo do sangue, nas afecções renais e hepáticas (chá das folhas para dores musculares, de estômago, de cabeça, e disfunções hepáticas (chá das raízes. O objetivo desse trabalho foi avaliar a composição química do óleo essencial e a atividade antimicrobiana do óleo essencial, do extrato etanólico bruto e frações obtidos das folhas de S. odoratissima contra bactérias Gram positivas e negativas, e Candida albicans. O extrato bruto das folhas foi obtido por maceração seguido de concentração em rotaevaporador e as frações por partição em coluna filtrante. O pó das folhas foi submetido à hidrodestilação em aparelho de Clevenger e o óleo essencial obtido foi analisado por CG/EM. A atividade antimicrobiana foi avaliada pelo método da diluição em ágar para determinar a concentração inibitória mínima (CIM. Os constituintes majoritários do óleo essencial foram β-cariofileno (20,64%, γ-muuroleno (17,70%, biciclogermacreno (14,73%, e δ-cadineno (13,40%. No estudo da atividade antimicrobiana de S. odoratissima, os principais resultados foram obtidos contra Staphylococus epidermidis (extrato etanólico bruto, CIM de 0,098 mg/mL, C. albicans (fração hexano, CIM de 0,049 mg/mL, Bacillus cereus (diclorometano, CIM de 0,098 mg/mL, Micrococcus roseus (fração acetato de etila, CIM 0,049 mg/mL, e M. roseus, Micrococus luteus, B. cereus e C. albicans (fração metanol, CIM de 0,391 mg/mL.Spiranthera odoratissima ("manacá" has been popularly used as a blood cleanser, for liver and kidney diseases (tea from the leaves, as well as for muscle and stomach pains, headache and liver disorders (tea from the roots. The aim of this study was to evaluate the chemical composition of the essential oil and the antimicrobial activity of essential oil, crude ethanol extract and fractions of S. odoratissima leaves against Gram-positive and negative

  13. Inhibitory effect of the essential oil from Cinnamomum zeylanicum Blume leaves on some food-related bacteria Efeito inibitório do óleo essencial das folhas de Cinnamomum zeylanicum Blume sobre bactérias de interesse em alimentos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Vinicius Nogueira Trajano

    2010-09-01

    Full Text Available Cinnamomum zeylanicum Blume, Lauraceae, has long been known for having many biological properties. This study aimed to identify the constituents of the essential oil from C. zeylanicum leaves using GC-MS and to assess its inhibitory effect on Salmonella enterica, Escherichia coli, Staphylococcus aureus, and Pseudomonas aeruginosa based on MIC and MBC determination and kill-time study. Eugenol (73.27% was the most prevalent compound in the essential oil followed by trans-β-cariophyllene (5.38%, linalool (3.31%, and alcohol cinamic acetate (2.53%. The results showed an interesting antibacterial activity of the oil with MIC ranging from 1.25 to 10 µL.mL-1. MBC values were in the range of 20 - 80 µL.mL-1. A concentration of 10 and 40 µL.mL-1 of the essential oil caused a fast and steady decrease in viable cell count (2 to 5 log cycles of all assayed strains along 24 hours. A concentration of 40 µL.mL-1 of the oil provided a total elimination of the initial inocula of S. aureus after 2 hours. These results show the possibility of regarding the essential oil from C. zeylanicum leaves as alternative sources of antimicrobial compounds to be applied in food conservation systems.Cinnamomum zeylanicum Blume, Lauraceae, é uma espécie vegetal reconhecida, a longo tempo, como possuidora de muitas propriedades biológicas. Este estudo objetivou identificar os constituintes do óleo essencial das folhas de C. zeylanicum, utilizando CG-EM, e avaliar seu efeito inibitório sobre Salmonella enterica, Escherichia coli, Staphylococcus aureus e Pseudomonas aeruginosa através da determinação da CIM e CBM, bem como através da análise do tempo de morte bacteriana. Eugenol (73,27% foi o composto mais prevalente no óleo essencial, seguido por trans-β-cariofileno (5,38%, linalol (3,31% e álcool acetato cinâmico (2,53%. Os resultados mostraram uma interessante atividade antibacteriana do óleo essencial com CIM, variando de 1,25 a 10 µL.mL-1. Os valores de

  14. Biodisponibilidade do beta-caroteno da folha desidratada de mandioca (Manihot esculenta Crantz)

    OpenAIRE

    2003-01-01

    Com o objetivo de verificar a biodisponibilidade do beta-caroteno da folha de mandioca (Manihot esculenta Crantz) foi realizado um ensaio biológico baseado no modelo de esgotamento das reservas hepáticas de vitamina A em ratos. Um grupo de ratos depletados de vitamina A hepática recebeu folha desidratada de mandioca como fonte beta-caroteno durante 25 dias, e foram comparados com um grupo que recebeu ração com vitamina A, outro grupo com ração sem vitamina A e um último grupo com beta-caroten...

  15. NPK and flavonoids affecting insect populations in Dimorphandra mollis seedlings=NPK e flavonoides afetando populações de insetos em mudas de Dimorphandra mollis

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Lourdes Silva Figueiredo

    2012-01-01

    insetos. Foi observado um pequeno efeito positivo dos níveis de N no ataque de F. schulzei. Os níveis de N, P e K afetaram negativamente os níveis de flavonoides nas folhas de D. mollis. Não foi detectado efeitos significativos dos níveis de flavonoides sobre as populações de Coccidae, Pseudoccocidae e F. schulzei. Observou-se maior número de Coccidae e Pseudococcidae na face abaxial de folhas apicais. Entretanto, maiores números de F. schulzei foram observados na face adaxial das partes mais baixas do dossel. O tratamento preferido para produção de mudas de D. mollis é o controle (sem fertilização porque apresentou maior teor de flavonoides do que nos outros tratamentos e não apresentou maior ataque de insetos.

  16. Análise sazonal do potencial antimicrobiano e teores de flavonoides e quinonas de extratos foliares de Aloe arborescens Mill., Xanthorrhoeaceae Seasonal analysis from the antimicrobial potency and flavonoid and quinone content from Aloe arborescens Mill., Xanthorrhoeaceae, leaf extracts

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fernando Leite Cardoso

    2010-03-01

    Full Text Available Este trabalho teve como objetivos avaliar o potencial antimicrobiano e os teores de flavonoides e quinonas de extratos foliares de Aloe arborescens Mill., Xanthorrhoeaceae, produzidos em diferentes épocas do ano. Extratos etanólicos e clorofórmicos foram preparados a partir de folhas, os bioensaios de atividade antimicrobiana foram desenvolvidos pelo método de macrodiluição em caldo, e dosagens de flavonoides e quinonas foram realizadas nos extratos. Todos os extratos apresentaram ação inibitória sobre os microrganismos testados. O extrato clorofórmico de inverno apresentou a menor CIM (128 µg/mL sobre B. subtilis. Os extratos clorofórmicos de inverno, primavera e verão apresentaram maior atividade antimicrobiana em relação ao extrato clorofórmico de outono. O extrato etanólico de inverno apresentou a menor CIM (256 µg/mL e a menor CMM (512 µg/mL sobre K. pneumoniae. Os extratos etanólicos de verão e outono mostraram baixa atividade antimicrobiana. Os teores de quinonas das folhas foram maiores nos períodos mais quentes de coleta (verão e outono, enquanto os teores de flavonoides foram semelhantes nos quatro períodos de coleta.This work has the objective of evaluate the antimicrobial potency and the content of flavonoids and quinones from the Aloe arborescens Mill., Xanthorrhoeaceae, leaf extracts produced in the four seasons of the year. Ethanol and chloroform extracts were prepared from the leaves, the bioassays from antimicrobial activity were developed by the macrodilution method in broth, and dosages of flavonoids and quinones were performed in the extracts. The winter chloroform extract showed the lowest CIM (128 µg/mL on B. subtilis. The ethanol extract showed the lowest CIM (256 µg/mL and the lowest CMM (512 µg/mL on K. pneumoniae. The summer and fall ethanol extracts showed low antimicrobial activity. The quinones extracts showed inhibitory activity on the tested microorganisms. The winter, spring and summer

  17. Avaliação da toxicidade aguda e subaguda, em ratos, do extrato etanólico das folhas e do látex de Synadenium umbellatum Pax. Acute and subacute toxicity studies of the latex and of the ethanolic extract of the leaves of Synadenium umbellatum Pax in rats

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luiz C. Cunha

    2009-06-01

    Full Text Available O uso de plantas medicinais tem sido muito significativo nos últimos anos, sendo incentivado pela Organização Mundial de Saúde (OMS. Synadenium umbellatum Pax, Euphorbiacea (vulgo cola-nota, cancerola, milagrosa tem o látex usado empiricamente como antitumoral e antiinflamatório. Por existir espécies tóxicas nesta família e visando à segurança no uso de extratos vegetais, tal estudo avaliou a toxicidade pré-clínica do látex e do extrato etanólico das folhas (EEF de S. umbellatum, por via oral, em ratas Wistar. O estudo seguiu diretrizes do Guideline 423 (toxicidade aguda e Guideline 407 (toxicidade subaguda da OECD (Organisation for Economic Cooperation and Development. Na toxicidade aguda do látex e do EEF, não se observou letalidade nem alterações fisiológicas e comportamentais das ratas na dose de 2000 mg/kg, sendo praticamente atóxico. Porém, na análise histopatológica, o látex ocasionou congestão e infiltrado leucocitário nos rins, fígado e pulmões, efeitos não observados com o EEF. Na toxicidade subaguda, doses de 50, 100 e 200 mg/kg de EEF não produziram alterações dose-dependentes significativas nos parâmetros laboratoriais e fisiológicos, nem alterações macroscópicas e histopatológicas nos órgãos das ratas. Contudo, o uso crônico da planta S. umbellatum merece mais estudos.The use of medicinal plants has been being very significant in the last years, being the use encouraged by WHO. Synadenium umbellatum Pax, Euphorbiacea (popularly known as cola-note, cancerola, miraculous has the latex used empirically as anti-cancerous and anti-inflammatory. For there being toxic species in this family and aiming at the safety in the use of vegetable extracts, such study evaluated the pre-clinical toxicity of the latex and of the ethanolic extract of the leaves (EEL of S. umbellatum, administrated by oral route, in Wistar female rats. The study followed OECD's Guidelines for test of acute toxicity (Guideline

  18. Avaliação toxicológica pré-clínica do chá das folhas de Morus nigra L. (Moraceae Pre-clinical toxicological evaluation of tea from the leaves of Morus nigra L. (Moraceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    A.C.B. Oliveira

    2013-01-01

    Full Text Available O objetivo desse estudo foi realizar um ensaio toxicológico pré-clínico para analisar a toxicidade do chá das folhas de Morus nigra L. (Moraceae. A toxicidade subcrônica do chá (CF-Mn foi avaliada durante 30 dias por via oral em ratos. Ao grupo controle foi administrado água, para comparação. Durante o período experimental foi avaliada a presença de sinais de toxicidade, variação do peso corporal, e o consumo de líquido e alimento. Ao final do experimento o sangue dos animais foi retirado para análise de parâmetros hematológicos e bioquímicos. Não foram observados mortalidade e sinais de toxicidade indicando baixa toxicidade da planta. Não houve alterações nos parâmetros hematológicos e bioquímicos. Nas condições do estudo, o CF-Mn pode ser considerado de baixa toxicidade, pois não produziu efeitos tóxicos nos animais tratados.The aim of this study was to carry out a pre-clinical toxicological assay to analyze the toxicity of tea from the leaves of Morus nigra L. (Moraceae. The subchronic toxicity of this tea (CF-Mn was orally evaluated during 30 days in rats. The control group was given water for comparison. During the experimental period, signs of toxicity, body weight variation, and water and food consumption were assessed. At the end of the experiment, the blood of animals was removed for analysis of hematological and biochemical parameters. No mortality and no toxicity signs were observed, indicating low toxicity of the plant. There was no alteration in the hematological and biochemical parameters. Under the study conditions, CF-Mn can be considered of low toxicity since it did not produce toxic effects in treated animals.

  19. Complete atrioventricular block on isolated guinea pig heart induced by an aqueous fraction obtained from Psidium guajava L. leaf Bloqueio atrioventricular completo em coração isolado de cobaia produzido por uma fração aquosa obtida das folhas de Psidium guajava L

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Antonio N.S. Gondim

    2006-09-01

    Full Text Available This paper aimed to study the electrocardiographic effect produced by the aqueous fraction (AqF obtained from the acetic extract of Psidium guajava L. leaf on the isolated guinea pig heart. Electrocardiographic records (ECG were obtained on isolated hearts beating spontaneously or under regular electrical stimulation. The hearts were mounted in a constant flow Langendorff perfusion system. Until 20 mg/mL, AqF did not change the spontaneous cardiac rate (control: 180 ± 9 bpm, test: 182 ± 10 bpm; N = 3; p > 0.05. Concentrations equal or greater then 20 mg/mL induced complete atrioventricular block (AVB. However, this effect promptly disappeared when AqF was removed from the perfusion fluid (N = 3 hearts. The AVB induced by AqF involves heart muscarinic receptors because atropine sulfate (1.5 mM could prevent the appearance of such disturbance.O presente trabalho visou estudar o efeito eletrocardiográfico produzido pela fração aquosa (AqF obtida do extrato acético das folhas de Psidium guajava L. em coração isolado de cobaia. Os traçados eletrocardiográficos foram obtidos em corações batendo espontaneamente ou então sob estimulação elétrica. Os corações foram montados em uma sistema de perfusão do tipo Langendoff de fluxo constante. A AqF, usada em concentrações menores que 20 mg/mL, não alterou a freqüência espontânea do coração (controle: 180 ± 9 bpm, teste: 182 ± 10 bpm; N = 3; p > 0,05. Todavia, concentrações iguais ou maiores que 20 mg/mL produziram bloqueio atrioventricular completo (BAV. Este efeito, contudo, desapareceu prontamente quando se removeu a AqF do fluido de perfusão coronariana (N = 3 corações. O BAV promovido pela AqF se faz mediado pelos receptores muscarínicos porque o sulfato de atropina (1,5 mM impediu o aparecimento deste efeito.

  20. Compatibilidade de Dicyma pulvinata com defensivos agrícolas e eficiência do biocontrole do mal-das-folhas da seringueira em campo Compatibility of Dicyma pulvinata with pesticides and biocontrol efficiency of South American leaf blight of rubber tree under field conditions

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Débora Ferreira Melo

    2008-02-01

    Full Text Available O objetivo deste trabalho foi avaliar quatro isolados do fungo antagonista Dicyma pulvinata quanto à compatibilidade com defensivos agrícolas e adjuvantes, e a eficiência desses isolados no controle do mal-das-folhas (Microcyclus ulei da seringueira (Hevea sp. em campo. A compatibilidade dos isolados com defensivos e adjuvantes foi avaliada com base no crescimento micelial e na esporulação do fungo, em testes conduzidos in vitro. Para avaliação da eficiência do antagonista contra M. ulei, em campo, os quatros isolados do antagonista foram comparados ao controle exercido pelo tratamento com os fungicidas propiconazol + mancozeb. Os ensaios conduzidos em laboratório indicaram a incompatibilidade de D. pulvinata com os fungicidas benomyl, carbendazim, mancozeb, propiconazol e, ainda, com o inseticida acaricida endosulfan. Dois dos adjuvantes testados (Tween 20 e Tween 80 não afetaram o desenvolvimento do fungo. Foi comprovada a ação do antagonista D. pulvinata sobre M. ulei, em campo, com destaque para os isolados CEN 62 e CEN 93, que apresentaram eficiência de controle semelhante ao tratamento fungicida padrão.The objective of this work was to evaluate four isolates of the antagonist fungus Dicyma pulvinata in terms of its compatibility with chemical pesticides and adjuvants products, and the efficiency of these isolates as biocontrol agent against South American leaf blight (Microcyclus ulei of rubber tree (Hevea sp. under field conditions. Isolates compatibility with chemical pesticides and adjuvants was evaluated on mycelial growth and fungus sporulation in vitro. To assess the efficiency of the antagonist against M. ulei under field conditions, the four isolates were compared to the control by the fungicide mixture propiconazol + mancozeb. The assays showed incompatibility of the antagonistic fungus with the fungicides benomyl, carbendazim, mancozeb, propiconazol, besides the insecticide-acaricide endosulfan. Two of the adjuvants

  1. Diagnose laboratorial dos frutos e folhas de Anacardium occidentale L. (Caju

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luzia llza Ferreira Jorge

    1996-01-01

    Full Text Available Anacardium occidentale L. espécie nativa do continente centro e sul-americano, é planta amplamente utilizada, empregada na alimentação humana e animal, bem como na medicina popular. Neste trabalho objetivamos o reconhecimento das principais características diagnósticas das folhas e dos receptáculos carnosos. Detalhes como o tipo de cutícula, paredes celulares, anexos epidérmicos e inclusões celulares são destacados nas descrições e nas figuras. As folhas encerram flavonóides, saponinas,compostos fenólicos e óleo essencial.

  2. TEORES DE POLIFENÓIS DE CAULE E FOLHA DE QUATRO CULTIVARES DE ABACAXIZEIRO

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    SANTOS MÔNICA ALESSANDRA TEIXEIRA DOS

    2001-01-01

    Full Text Available Teores de polifenóis foram determinados nos resíduos agrícolas - caule e folha -do abacaxizeiro (Ananas comosus (L. Merrill das cultivares Pérola, Perolera, Smooth Cayenne e Primavera, cultivadas em Ijací-MG, com o objetivo de subsidiar a possível utilização destes resíduos para consumo humano e/ou animal. De acordo com os resultados obtidos, nenhuma das cultivares estudadas apresentou teores de polifenóis acima de 1%, nível considerado alto e prejudicial à digestibilidade de proteínas. A folha apresentou teores de polifenóis superiores aos do caule em todas as cultivares analisadas. Não houve diferenças significativas entre as cultivares, mas a Smooth Cayenne e a Perolera apresentaram os maiores e menores teores de polifenóis, respectivamente.

  3. Estudos morfoanatômico, fitoquímico e de atividades biológicas de folha e caule de Zanthoxylum rhoifolium LAM., Rutaceae

    OpenAIRE

    Krause, Mariana Saragioto

    2013-01-01

    Resumo: A especie medicinal Zanthoxylum rhoifolium Lam. e uma Rutaceae, nativa do Brasil, conhecida popularmente como mamica-de-porca. O suco das folhas e usado, quando aplicado topicamente, contra dores de ouvido. Seu caule e utilizado na medicina popular no tratamento de dispepsias, colicas e flatulencia. O objetivo deste trabalho foi realizar estudos morfoanatomico, fitoquimico e de atividades biologicas de folha e caule dessa especie medicinal. Com referencia a morfoanatomia, observou-se ...

  4. Flavonoides e atividade antioxidante em Palicourea rigida Kunth, Rubiaceae Flavonoids and antioxidant activity in Palicourea rigida Kunth, Rubiaceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Elisa A. da Rosa

    2010-09-01

    Full Text Available A atividade antioxidante, avaliada pelo método DPPH (1,1-difenil-2-picrilidrazila, e o teor em compostos fenólicos totais do extrato bruto metanólico e frações das folhas da espécie Palicourea rigida Kunth, Rubiaceae, foram quantificadas neste trabalho. Apesar da baixa atividade apresentada pelo extrato bruto (500 ppm, a fração acetato de etila apresentou atividade moderada (192 ppm e o maior teor de fenólicos totais dentre as frações ensaiadas. Assim, a fração acetato de etila foi submetida a procedimentos cromatográficos o que resultou no isolamento dos flavonoides quercetina 3-O-β-D-glicosídeo, quercetina 3-O-soforosídeo e isoraminetina 3-glicosídeo, cujas estruturas foram elucidadas por análise espectroscópica, incluindo RMN (1D e 2D e comparação com os dados da literatura.The antioxidant activity, evaluated by DPPH (1,1-difenil-2-picrilidrazila method, and the determination of the total phenolic compounds of the crude methanolic extract and fractions of the Palicourea rigida Kunth, Rubiaceae, leaves were quantified in this work. Despite weak activity exhibited by crude extract (500 ppm, the fraction ethyl acetate showed moderate activity (192 ppm, and the largest value for the phenolic compounds among all the assayed fractions. Then, the ethyl acetate fraction was submitted to the chromatography procedures which led to the isolation of the flavonoid quercetin 3-O-D-glicoside, quercetin 3-O-sophoroside and isorhamnetin 3-glicoside, which had the structures elucidated by spectroscopy analysis, including RMN (1D and 2D and comparison with literature data.

  5. Nutrição e produção da laranjeira "Folha Murcha" em porta-enxertos e plantas de cobertura permanente na entrelinha Nutrition and yield of the 'Folha Murcha' orange in rootstocks and groundcover management systems

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Jonez Fidalski

    2006-06-01

    Full Text Available O estado nutricional e a produção de citros não são conhecidos para as diferentes combinações copa/porta-enxertos e plantas de coberturas permanente na entrelinha. O estudo foi instalado em um experimento de laranjeira "Folha Murcha" [Citrus sinensis (L. Osb.] com oito anos de idade, conduzido entre 1997 a 2002, no município de Paranavaí, região Noroeste do Paraná. O solo corresponde a um Argissolo Vermelho distr��fico típico textura areia/franco arenoso. O delineamento experimental foi de blocos ao acaso, sendo os tratamentos constituídos por sete porta-enxertos: limoeiro "Cravo", limoeiro "Rugoso da África", limoeiro "Volcameriano", tangerineira "Cleópatra", tangerineira "Sunki", citrangeiro "C-13" e Trifoliata, com três plantas em cada parcela experimental. As repetições foram constituídas por três blocos com a cobertura Paspalum notatum e por um bloco com Arachis pintoi. Foram avaliados os teores dos nutrientes foliares e a produção de frutos da laranjeira "Folha Murcha". O manejo das entrelinhas com a leguminosa elevou os teores de N à faixa excessiva nas folhas do porta-enxerto limoeiro "Cravo", e reduziu a produção de frutos da laranjeira "Folha Murcha" em relação à gramínea. Nas entrelinhas com gramínea, a produção de frutos da laranjeira "Folha Murcha" foi dependente das safras agrícolas e dos teores foliares de Ca, Mg e Zn. A absorção máxima de Ca pelas folhas de laranjeira "Folha Murcha" precede a de Mg e Zn. Nestas condições, os porta-enxertos tangerineira "Cleópatra" e limoeiro "Rugoso da África" apresentaram maior produção de frutos de laranjeira "Folha Murcha".The nutritional status and yield of citrus are not known for different canopy/rootstocks and soil groundcover management systems. The study was set up in a 8-year-old 'Folha Murcha' [Citrus sinensis (L. Osb.] orange experiment, and was carried out from 1997 to 2002 in Paranavai, in the northwest region of the state of Parana

  6. Avaliação do potencial alelopático, atividade antimicrobiana e antioxidante dos extratos orgânicos das folhas de Pyrostegia venusta (Ker Gawl. Miers (Bignoniaceae Evaluation of allelopathic potential, antimicrobial and antioxidant activities of Pyrostegia venusta (Ker Gawl. Miers (Bignoniaceae leaf organic extracts

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    P.B. Silva

    2011-01-01

    Full Text Available Este trabalho apresenta os resultados de atividade alelopática, antimicrobiana e antioxidante dos extratos orgânicos (hexano, acetato de etila e metanol das folhas de Pyrostegia venusta (Ker Gawl. Miers (Bignoniaceae. Para alelopatia, foi estudado o desenvolvimento de Cucumis sativus (pepino, sendo avaliados o comprimento da raiz principal, o número de raízes secundárias e o comprimento do hipocótilo. Os dois primeiros parâmetros foram afetados por todos os três extratos testados enquanto o comprimento do hipocótilo só não foi afetado pelo extrato acetato de etila. Quanto à atividade antimicrobiana, avaliada pelo ensaio de CIM, o extrato hexânico apresentou inibição moderada frente ao Staphylococcus aureus (0,9 mg mL-1 e forte ao Enterococcus hirae (0,5 mg mL-1. O extrato acetato de etila apresentou forte atividade frente Candida albicans (0,3 mg mL-1 enquanto o extrato metanólico não mostrou-se ativo para os microrganismos testados. Por outro lado, o extrato metanólico apresentou a maior capacidade de seqüestrar radicais livres (Concentração Efetiva 50%-CE50 =102,0 ± 56,9 mg mL-1, com TCE50 = 30 min no ensaio com DPPH (2,2-difenil-1-picril-hidrazila e o maior teor de compostos fenólicos (116,2 ± 83,0 mg ácido gálico g amostra-1, avaliado pelo ensaio de Folin-Ciocalteau.This paper presents the results of allelopathic, antimicrobial and antioxidant activities of organic extracts (hexane, ethyl acetate and methanol from the leaves of Pyrostegia venusta (Ker Gawl. Miers (Bignoniaceae. Allelopathic activity was assessed based on Cucumis sativus (cucumber development for the parameters main root length, number of secondary roots and hypocotyl length. All tested extracts affected the first two parameters, while the hypocotyl length was not affected only by the ethyl acetate extract. For antimicrobial activity, assessed by MIC assay, hexane extract showed moderate inhibition for Staphylococcus aureus (0.9 mg mL-1 and strong

  7. Avaliação dos efeitos depressores centrais do extrato etanólico das folhas de Synadenium umbellatum Pax. e de suas frações em camundongos albinos Evaluation of the central depressor effects of the ethanolic extract of the leaves of Synadenium umbellatum Pax. and its fractions in Swiss mice

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rodrigo Borges de Oliveira

    2008-09-01

    Full Text Available O Synadenium umbellatum Pax. (Euphorbiacea é uma planta nativa da África tropical conhecida como "cola-nota", "avelós", "cancerola", "milagrosa", dentre outros. A planta é utilizada pela população brasileira como detentora de propriedades antiinflamatória, analgésica, dentre outras. Foram avaliados os efeitos depressores sobre o sistema nervoso central (SNC do extrato etanólico das folhas de Synadenium umbellatum (EES e de suas frações - hexânica (FH, clorofórmica (FC e metanol/água (FM. Vários testes foram utilizados em camundongos machos albinos (Mus musculus, dentre eles, o sono induzido por barbitúrico, campo aberto e o teste do rota-rod. O EES foi testado nas doses de 25, 50 e 100 mg/kg, enquanto que a FH foi testada na dose de 10 mg/kg, a FC na dose de 20 mg/kg e a FM na dose de 25 mg/kg. O EES e as frações FH e FC, mas não a FM, apresentaram um possível efeito depressor sobre o SNC, visto que foram capazes de aumentar o tempo parado e diminuir o número de bolos fecais no campo aberto, além de potencializarem o sono induzido por barbitúrico. No teste do rota-rod, observou-se que o EES e as frações não foram capazes de causar incoordenação motora ou relaxamento muscular. Assim, conclui-se que o extrato etanólico e as frações FH e FC do Syandenium umbellatum Pax. possuem possível efeito depressor sobre o SNC.Synadenium umbellatum Pax. (Euphorbiacea is a native plant from tropical Africa known as "cola-nota", "avelós", "cancerola", "milagrosa", among others. The plant is used by Brazilian folks for having anti-inflammatory and analgesic properties, among others. It was evaluated the depressor effects over the central nervous system (CNS of the ethanolic extract of the leaves of Synadenium umbellatum (EES and its fractions - hexane (HF, chloroformic (CF and methanol/water fractions(MF. Several tests were used in Swiss mice (Mus musculus, among them, barbiturate-induced sleep, open field and rota-rod test. The

  8. Influência da adubação nas relações entre constituintes químicos dos grãos, dos grãos e das folhas, e a produção de milho Effect of fertilizer on chemical composition of kernels, leaves and yield of a corn hybrid

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    J. Romano Gallo

    1976-07-01

    Full Text Available Dados do ano agrícola 1972-73 de dois ensaios permanentes de adubação em milho foram utilizados para determinar os efeitos da aplicação anual continuada de sulfato de amônio, superfosfato simples e cloreto de potássio na produção e composição química dos grãos. A análise química foliar foi utilizada para determinar os efeitos dessas variações nutricionais. Os resultados obtidos mostraram que a adubação e as condições ambientes (localidade afetaram significativamente a produção e a composição das folhas e dos grãos.Data of a continuous fertilization yield trial were analysed in two locations in 1972-73, to study the effect of continuous annual application of ammonium sul-phate, simple superphosphate and potassium chloride on yield and composition of kernels. The foliar chemical analysis was utilized to determine the plant response to the fertilizer application. Data showed a significant effect of local conditions on the yield and composition of plant material. Ammonium sulphate and superphosphate increased yield in both locations whereas potassium chloride was a factor only in Mococa. Phosphate application was the main factor to explain yield in any condition. In Mococa the nitrogen dosage, the contents of N, S, P, Mn, Cu, Zn in the leaf +4 and yield were positively correlated with protein and negatively associated with starch percentage of the seed. All the above cited nutrients increased with ammonium sulphate application. Both phosphate fertilizer and P in leaves correlated positively with seed oil content. Potassium fertilizer and K in leaves were positively correlated with percent oil and negatively associated with linoleic acid. Total oil content and linoleic acid showed negative correlation. There was a tendency for potassium fertilizer decrease starch in the grain. This was evidenced by negative correlation between K and CI in the leaves and kernel starch. Both locations showed significant correlation between

  9. Estudo toxicológico pré-clínico agudo com o extrato hidroalcoólico das folhas de Cissus sicyoides L. (Vitaceae Acute pre-clinical toxicological study with the hydroalcoholic extract of the leaves of Cissus sicyoides L. (Vitaceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Tereza Helena Cavalcanti de Vasconcelos

    2007-12-01

    Full Text Available O estudo objetivou realizar ensaio toxicológico pré-clínico inicial para investigar a toxicidade da planta. Na investigação da DL50 foram utilizados grupos de camundongos Swiss machos (n = 10 submetidos a doses de 5,0 g/kg, via oral, e dose de 2,0 g/kg por via intraperitoneal, da fração aquosa das folhas (FAF de Cissus sicyoides L. Foi retirado sangue através do plexo braquial após sete dias, para análise laboratorial de parâmetros hematológicos e bioquímicos. No estudo anatomopatológico, os animais foram examinados macro e microscopicamente, com ressecção de pulmão, coração, fígado e rins. Para análise dos dados foram utilizadas técnicas de estatística descritiva e inferencial. Na avaliação dos parâmetros hematológicos e bioquímicos dos camundongos Swiss, foram detectadas alterações nas transaminases AST e ALT e na fosfatase alcalina (FAL, caracterizando as alterações hepáticas demonstradas no estudo histopatológico. Na avaliação histológica do fígado de camundongos, evidenciou-se hepatite reacional com portite linfocitária crônica e lobular multifocal, hiperplasia kupferiana, colapsos focais da trama reticular, ausência de fibrose portal e lobular. O estudo toxicológico pré-clínico agudo demonstrou em camundongos alterações hepáticas.The aim of the study was to carry through pre-clinical toxicological assay to analyze the toxicity of the plant. In the inquiry of the LD50 groups of male Swiss rats (n = 10 were given orally 5.0 g/kg, and 2.0 g/kg intraperitoneally, of the water fraction of the leaves (WFL of Cissus sicyoides L. Blood was removed through brachial plexus after seven days, for laboratory analysis of hematological and biochemical parameters. In the anatomopathological study, the animals had been examined macro and microscopically, with dissection of lung, heart, liver and kidneys. For analysis of the data techniques of descriptive and inferencial statistics had been used. In the

  10. Morfoanatomia de folhas de Maytenus rigida Mart. (Celastraceae); uma espécie utilizada como medicinal no Nordeste do Brasil

    OpenAIRE

    Soares da Rocha, Cristiano; Magalhaes de Mendoça Pimentel, Rejane; Perrelli Randau, Karina; Xavier,Haroudo Satiro

    2004-01-01

    A descrição morfoanatômica das folhas de Maytenus rigida Mart. é de extrema importância para uma eficiente aplicabilidade desta planta à Farmacognosia. Os estudos da anatomia da folha de M. rigida foram realizadas em cortes paradérmicos e transversais de material fresco à mão livre, corados com safranina e azul de astra. As análises foram feitas em imagens digitais sob microscópio ótico pré-calibrado. Os resultados obtidos neste estudo apontam caracteres anatômicos de valor diagnó...

  11. Estudo farmacognóstico e atividade in vitro sobre a coagulação sanguínea e agregação plaquetária das folhas de Passiflora nitida Kunth (Passifloraceae Pharmacognostic study and in vitro activity on blood coagulation and platelet aggregation of leaves of Passiflora nitida Kunth (Passifloraceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria José de Carvalho

    2010-03-01

    Full Text Available O gênero Passiflora (Passifloraceae é utilizado principalmente para tratar doenças do SNC e cardiovasculares. A espécie Passiflora nitida Kunth é comumente conhecida como “maracujá-do-mato". A literatura relata o consumo in natura dos frutos desta espécie pela população local para distúrbios gastrointestinais. Considerando o potencial farmacológico do gênero, este trabalho teve por objetivo realizar estudo de caracterização fitoquímica desta espécie e estudar os efeitos dos extratos aquoso (EA, etanólico (EE e hexânico (EH de suas folhas sobre a coagulação sanguínea e agregação plaquetária. Para a caracterização fitoquímica foram realizados testes de cromatografia em camada delgada e ressonância magnética nuclear. O efeito dos extratos sobre a coagulação foi avaliado pelos testes de tempo de protrombina (TP e tempo de tromboplastina parcial ativada (TTPa. O efeito sobre a agregação plaquetária foi avaliado em plasma rico em plaquetas por método espectrofotométrico, usando adenosina difosfato (ADP e adrenalina (ADR como indutores da agregação. Os extratos EA, EE e EH apresentaram atividade coagulante pelo teste do TP e o EE apresentou atividade anticoagulante para o TTPa. Quando induzidos por ADP, os extratos EA, EE e EH apresentaram valores de concentração inibitória 50% (CI50, µg/mL de 450,5 ± 50,7; 511,2 ± 35,5 e 394,4 ± 8,9, respectivamente, e quando induzidos por ADR apresentaram valores de 438,7 ± 5,2; 21,0 ± 1,9 e 546,9 ± 49,9, respectivamente. O EE apresentou atividade inibitória sobre a agregação. A caracterização fitoquímica foi sugestiva da presença de flavonóides e cumarinas, aos quais podem ser atribuídos, em parte, os efeitos biológicos estudados.The Passiflora genus (Passifloraceae is mainly used to treat CNS and cardiovascular diseases. The Passiflora nitida Kunth species is commonly known as “maracujá-do-mato". The literature reports the in natura consumption of

  12. Caracterização molecular e patogênica de isolados de Xanthomonas albilineans (Ashby Dowson, agente causal da escaldadura das folhas da cana-de-açúcar Molecular and pathogenic characterization of isolates of Xanthomonas albilineans (Ashby Dowson, causal agent of sugarcane leaf scald

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Mariana de Souza e Silva

    2007-12-01

    Full Text Available A escaldadura das folhas, causada pela bactéria Xanthomonas albilineans (Ashby Dowson, é uma das cinco doenças mais importantes da cana-de-açúcar e sua ocorrência reduz o rendimento e a longevidade da cultura. Variedades resistentes têm sido usadas para o controle, porém há evidências da ocorrência de variantes do patógeno. Em campos comerciais do Estado de São Paulo, tem sido observado que a mesma variedade de cana se apresenta como resistente em uma região e suscetível em outra, sugerindo a ocorrência de variantes na população do patógeno. Assim, o objetivo deste trabalho foi investigar a presença de diversidade genética da bactéria em áreas comerciais. Um total de 50 isolados foram obtidos em cultura pura a partir de plantas sintomáticas coletadas em Piracicaba (SP, Jaú (SP, região de Ribeirão Preto (SP e Iturama (MG. Os isolados foram confirmados como pertencentes à espécie X. albilineans por meio de características de colônias, serologia e PCR com 'primers' específicos. Para caracterização da diversidade genética, foi usado o método de Rep-PCR, a partir do DNA extraído de cada isolado. Oito isolados, provenientes dos diferentes grupos identificados por rep-PCR, foram usados em testes de patogenicidade, por meio de inoculação em duas variedades de cana. Os resultados confirmaram todos os isolados como pertencentes à espécie X. albilineans. Por meio de rep-PCR, foi demonstrada diversidade genética entre os isolados, os quais foram separados em três grupos: um grupo composto somente pelos isolados de Piracicaba; um segundo, contendo todos os isolados amostrados em Jaú e na região de Ribeirão Preto, e um isolado de Iturama; e, no terceiro, somente dois isolados coletados em Iturama. Os testes de patogenicidade revelaram diferenças na agressividade entre isolados, porém sem relação com sua região de origem. Este trabalho revelou a ocorrência de diversidade genética e de agressividade dentro da

  13. Redistribuição de nutrientes em folhas de pinhão-manso entre estádios fenológicos Redistribution of nutrients in jatropha leaves through phenological phases

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rosiane. L. S. de Lima

    2011-11-01

    Full Text Available A redistribuição dos nutrientes minerais das folhas maduras para as estruturas em crescimento é um importante processo na fisiologia das plantas. Cada nutriente é redistribuído em proporções e fases variadas. Objetivou-se, com este trabalho, quantificar a redistribuição de macro e micronutrientes em folhas de pinhão-manso (Jatropha curcas em função do estádio fenológico. Portanto, os tratamentos se constituíram em cinco estádios fenológicos da folha (folha em crescimento, folha jovem, folha madura, folha senescente e folhedo com cinco repetições. Os nutrientes P, K, Cu e Zn são intensamente redistribuídos das folhas mais velhas para os tecidos mais jovens da planta de pinhão-manso enquanto há pouca redistribuição de N, Ca, Mg, Fe e Mn. Com a senescência das folhas os nutrientes que não se redistribuem representam perda para a planta visto que precisam ser reabsorvidos para suportar o crescimento de novas estruturas.Nutrient redistribution from mature leaves to growing structures is an important process in plant physiology. Each nutrient is redistributed in a different rate and time. This study aimed to quantify redistribution of macronutriens and minor nutrients in Jatropha curcas leaves through five phenological phases (expanding leaf, young leaf, mature leaf, senescing leaf, and dry leaf. It was observed that the nutrients P, K, Cu, and Zn are intensively redistributed from older to younger jatropha leaves, while N, Ca, Mg, Fe, and Mn are poorly redistributed. Leaf senescence causes a loss of the nutrients that are not redistributed because they will need to be re-absorbed for supporting the growth of new structures in the plant.

  14. Temperatura base para emissão de folhas e nós, filocrono e plastocrono das plantas daninhas papuã e corriola Base temperature for leaf and node appearance, phyllochron and plastochron in the weeds Alexander grass and Morning glory

    OpenAIRE

    Gizelli Moiano de Paula; Nereu Augusto Streck

    2008-01-01

    O papuã (Brachiaria plantaginea) e a corriola (Ipomoea triloba) são importantes plantas daninhas de culturas anuais. O filocrono (intervalo de tempo entre o aparecimento de duas folhas sucessivas) e o plastocrono (intervalo de tempo entre o aparecimento de dois nós sucessivos) são importantes parâmetros do desenvolvimento vegetal. A soma térmica é usada para expressar tempo no filocrono e no plastocrono e o seu cálculo implica o conhecimento da temperatura base. O objetivo do trabalho foi est...

  15. EFEITO DE DIFERENTES TEMPOS DE COZIMENTO NOS TEORES DE FIBRAS ALIMENTARES EM FOLHAS DE BRÓCOLIS, COUVE-FLOR E COUVE (BRASSICA OLERACEA L.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Mônica Alessandra Teixeira dos SANTOS

    2009-07-01

    Full Text Available

    Foram determinados os teores de fibras alimentares (FDA, FDN, lignina e pectinas das folhas de brócolis e couve-flor e comparados aos teores encontrados nas tradicionais folhas de couve. Os materiais estudados foram cultivados no município de Ijaci MG, com o objetivo da utilização integral dessas hortaliças como fonte alternativa de fibras. As folhas foram submetidas a cocção por seis diferentes tempos (0, 2, 4, 6, 8 e 10 minutos. Acompanhando o comportamento das diversas frações da fibra no material úmido e após secagem. Os resultados mostraram que as folhas de couve-flor e brócolis superaram a couve comum, que apresentou teores superiores apenas na fração FDA do material seco. Os resultados revelaram que as folhas das hortaliças analisadas podem ser consideradas como boas fontes de fibras insolúveis, mas não contribuem significativamente com a porção solúvel.

  16. Composição química e atividades biológicas das folhas de Cynara scolymus L. (alcachofra cultivada no Brasil Chemical composition and biological activities of the leaves of Cynara scolymus L. (artichoke cultivated in Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Vânia Floriani Noldin

    2003-05-01

    Full Text Available The present paper describes the chemical composition and biological activities of artichoke cultivated in Brazil. Our studies demonstrated that glycosyl flavonoids (cynaroside and scolymoside, are the major constituents, along with cynaropicrin, a sesquiterpene lactone, and the triterpene lupeol. Cynarin, which is the main compound described for artichoke, was detected in very low concentration. Hexanic fraction exhibited considerable cytotoxicity and diuretic activities.

  17. Anatomia comparada das folhas e evolução das Podocarpineae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ph Woltz

    1987-07-01

    Full Text Available En las Podocarpineae actualmente se conocen 184 espécies, de las cuales 120 han sido estudiadas en la anatomia comparada de la hoja. Es propuesto el siguiente sistema evolutivo: en muchos phyla diferentes, evolucionando de manera paralela, un tipo ancestral de hoja corta uninervada, provisto abundantemente de sub-epidermis y de canales resiníferos, pasaría por transformaciones sucesivas a tipos con hojas largas, anchas, uninervadas a pluri-nervadas, con sub-epidermis reducida y canales resiníferos poco numerosos. A veces, en la culminación de phylum, una sobre-evolución conduce a un falso retorno ancestral: hoja corta o en escamas carnosas y multiplicación tardia de los canales separados en el mesófilo. Como en el caso de la evolucion vascular de las plantas cotiladas (WOLTZ, 1986, existe un paralelismo notable entre la anatomia foliar y la latitud geográfica, lo que parece sugerir el origen más antiguo de los taxa más australes.

  18. Histochemical, phytochemical and biological screening of Plinia cauliflora (DC. Kausel, Myrtaceae, leaves Rastreamento histoquímico, fitoquímico e biológico de folhas de Plinia cauliflora (DC. Kausel (Myrtaceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Tatiana M. Souza-Moreira

    2010-03-01

    Full Text Available In this work, chemical and biological activities of crude extracts obtained with 50% ethanol, 70% ethanol, acetone:water (7:3; v/v and chloroform of Plinia cauliflora (DC. Kausel, Myrtaceae, leaves, a native tree from several regions of Brazil, was investigated. Histochemical and phytochemical screenings were done according to characterization reactions and thin layer chromatography. To assist in extracts standardization, total phenol and flavonoids content spectrophotometric was performed. Antioxidant activity was analyzed by percentage of radical scavenging using DPPH solution. Antimicrobial activity was evaluated against Gram-positive, Gram-negative pathogenic bacteria and species of Candida using agar diffusion and minimal inhibitory concentration (MIC determination methods according to standard methods. The leaves presented lipids at secretory cavity and phenols, mainly tannins, in nervures and palisade parenchyma. Polar extracts showed flavonoids, tannins and high content of phenols and flavonoids. The extracts showed great antioxidant activity and antimicrobial activity was better against Candida species than against bacteria.No presente trabalho, foram investigadas a composição química e atividades biológicas de extratos brutos obtidos com etanol 50%, etanol 70%, acetona:água (7:3; v/v e clorofórmio das folhas de Plinia cauliflora (DC. Kausel, Myrtaceae, uma árvore nativa de várias regiões do Brasil. Os rastreamentos histoquímico e fitoquímico foram feitos de acordo com reações de caracterização e cromatografia em camada delgada. Para auxiliar na padronização dos extratos foram realizadas determinações do teor de fenóis totais e de flavonoides totais, espectrofotometricamente. A atividade antioxidante foi analisada pela porcentagem de sequestro de radicais livres usando solução de DPPH. A atividade antimicrobiana foi avaliada frente a bactérias patogênicas Gram-positivas, Gram-negativas e espécies de Candida

  19. Composição química e valor nutricional para grandes herbívoros das folhas e frutos de aninga (Montrichardia linifera, Araceae Chemical composition and nutritional value of leaves and fruits of aninga (Montrichardia linifera, Araceae for large herbivores

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cristine Bastos do Amarante

    2010-12-01

    Full Text Available Montrichardia linifera (Araceae, conhecida popularmente como 'aninga', faz parte dos ecossistemas de várzea da Amazônia e da dieta natural de animais como peixe-boi, tartarugas, peixes, búfalo e gado. Com o objetivo de contribuir para o conhecimento químico e valor nutricional da mesma, folhas e frutos de M. linifera foram coletados às margens dos rios Guamá e Maratauíra, no Estado do Pará, Brasil. Em folhas e frutos foram realizadas análises de umidade, resíduo mineral fixo (cinzas, lipídios, proteínas, fibra bruta, concentração de carboidratos e valor calórico. A composição mineral (Ca, Mg, Cu, Fe, Zn e Mn foi obtida por espectrometria de absorção atômica de chama. Observou-se que tanto as folhas quanto os frutos da aninga, apesar de calóricos (289,75 kcal e 355,12 kcal, respectivamente, possuem baixo valor protéico (0,44% e 0,24 %, respectivamente. As concentrações de manganês obtidas (folha = 3279,46 mg kg-1e fruto = 18151,53 mg kg-1 foram consideradas tóxicas, extrapolando o limite máximo tolerável para ruminantes (1000 mg kg-1. A M. linifera, tem capacidade de absorver e bioacumular grandes quantidades de Ca, Mg e Mn presentes no solo, o que torna inadequada a sua utilização exclusiva na alimentação de quelônios, bovinos e bubalinos, havendo necessidade de mais estudos para sua aplicação como parte da ração.The aninga (Montrichardia linifera, Araceae is often found in the floodplain ecosystems of the Amazon and is the natural diet of animals such as manatees, turtles, fish, buffalo and cattle. Aiming to contribute to the chemical knowledge and nutritional value of this plant, leaves and fruits of M. linifera were collected on the banks of the Guama and Maratauira rivers, Para State, Brazil. We determined the moisture content, ash mineral composition, lipids, protein, fiber, carbohydrate and caloric value of the fruits and leaves. The mineral composition (Ca, Mg, Cu, Fe, Zn and Mn was obtained by flame

  20. Temperatura base para emissão de folhas e nós, filocrono e plastocrono das plantas daninhas papuã e corriola Base temperature for leaf and node appearance, phyllochron and plastochron in the weeds Alexander grass and Morning glory

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Gizelli Moiano de Paula

    2008-12-01

    Full Text Available O papuã (Brachiaria plantaginea e a corriola (Ipomoea triloba são importantes plantas daninhas de culturas anuais. O filocrono (intervalo de tempo entre o aparecimento de duas folhas sucessivas e o plastocrono (intervalo de tempo entre o aparecimento de dois nós sucessivos são importantes parâmetros do desenvolvimento vegetal. A soma térmica é usada para expressar tempo no filocrono e no plastocrono e o seu cálculo implica o conhecimento da temperatura base. O objetivo do trabalho foi estimar a temperatura base para emissão de folhas e nós, o filocrono e o plastocrono em papuã e corriola, respectivamente. Os dados usados no trabalho são provenientes de um experimento com milho realizado em Santa Maria, RS, em várias épocas durante o ano agrícola 2005/2006. Em cada parcela de milho, foram deixadas crescer duas plantas de papuã e duas plantas de corriola. Na haste principal destas plantas, foram medidos, uma vez por semana, o Estágio de Haun (HS no papuã e o número de nós visíveis (NN na corriola. A temperatura base estimada usando a metodologia do menor valor de Quadrado Médio do Erro (QME foi de 3°C para o papuã e 7°C para corriola. O filocrono em papuã variou de 100,1°C dia folha-1 a 142,6°C dia folha-1 em função da época do cultivo do milho e o plastocrono em corriola não diferiu entre épocas de cultivo sendo, em média, 38,8°C dia nó-1.Alexander grass (Brachiaria plantaginea and Morning glory (Ipomoea triloba are important weeds in annual crops. The phyllochron (time interval between the appearance of two successive leaves and the plastochron (time interval between the appearance of successive nodes are important parameters of plant development. Thermal time is used to express time in the phyllochron and in the plastochron, and in the calculation of thermal time the value of the base temperature is needed. The objective of this study was to estimate the base temperature for leaf and node appearance, the

  1. A POESIA DA RELVA E O DEVANEIO DE UMA FOLHA

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fernando Müller Krebs

    2014-11-01

    Full Text Available Este artigo busca evidenciar a importância do texto poético nos processos cognitivos, subjetivos e emocionais do leitor de poesia, tendo como base os conceitos fundamentais da fenomenologia proposta por Gaston Bachelard. Para isso, apresentamos o projeto “Encontros com a Poesia”, vinculado ao Grupo de Pesquisa Estudos Poéticos, e como se dá o processo de pesquisa e elaboração do material utilizado nas atividades; expomos alguns dos principais aspectos estudados no decorrer da leitura da obra-em-progresso Folhas de relva, do poeta norte-americano Walt Whitman; refletimos acerca do principal referencial teórico de nosso grupo de pesquisa e, ao final, incluímos um devaneio poético – texto de caráter pessoal – provocado por alguns poemas do bardo americano ao longo das leituras realizadas, a fim de exemplificar os fenômenos descritos pelo filósofo francês.

  2. Photojournalism: the assaults of PCC in the pages of Folha and the Estadão Fotojornalismo: os ataques do PCC nas páginas da Folha e do Estadão

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Paulo Cesar Boni

    2007-01-01

    Full Text Available This article addresses the photojournalistic coverage carried out by Folha de S.Paulo and O Estado de S. Paulo during the assaults of the First Command in the Capital (PCC in May 2006. The methods used here were those of technical deconstruction - to analyze the elements of photographic language in the construction of the message – and comparative analysis - to check the creation of meaning in those messages. Through these methodological procedures, it is inferred that Folha adopted a more sensationalistic feature with spectacularization of those images than Estadão, which adopted a more neutral and realistic posture in the view of the facts. Esse artigo aborda a cobertura fotojornalística realizada pela Folha de S.Paulo e pelo O Estado de S. Paulo durante os ataques do Primeiro Comando da Capital (PCC em maio de 2006. Os métodos utilizados foram o da desconstrução técnica – para análise dos elementos da linguagem fotográfica na construção da mensagem – e análise comparativa – para aferir a geração de sentido nas mensagens. Por esses procedimentos metodológicos, conclui que Folha assumiu um caráter mais sensacionalista, com espetacularização das imagens que o Estadão, que adotou uma postura mais neutra e realista diante dos fatos.

  3. Influência do parasitismo pelo nematoide de galhas nos níveis de nutrientes em folhas e na fenologia de goiabeira 'Paluma'

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Eduardo José de Almeida

    2011-01-01

    Full Text Available A redução no vigor de goiabeiras parasitadas por Meloidogyne enterolobii é consequência das alterações ocorridas no sistema radicular que desencadeia uma síndrome caracterizada por desequilíbrio nutricional. Para caracterizar esse desequilíbrio, foram efetuadas análises químicas de folhas com três tipos de sintomas visuais (folhas sem sintoma, com sintoma leve e sintoma severo de goiabeiras 'Paluma', em duas épocas: fevereiro e agosto. As plantas foram cultivadas com e sem inoculação de Meloidogyne enterolobii por dois anos em microparcelas. Os teores de N, P e K decresceram em folhas sem sintomas para folhas com sintoma leve e severo nas análises realizadas nas duas épocas. O Ca teve sua concentração aumentada com o agravamento dos sintomas, em ambas as épocas. Em fevereiro, não houve alteração em Mg, mas em agosto sua concentração foi maior em folhas com sintoma severo do que em folhas com sintoma leve ou sem sintoma. O S teve uma concentração maior em folhas sem sintoma, em fevereiro, e em agosto as folhas com sintoma severo tiveram as maiores concentrações desse nutriente. O teor de B não diferiu quanto à presença ou ausência de sintomas e a épocas de análise. O Cu e o Fe tiveram aumento de concentração em fevereiro em folhas com ausência de sintoma para as folhas com sintoma severo. O teor de Zn reduziu com o aumento dos sintomas visuais nas folhas nas duas épocas de avaliação. A fenologia da goiabeira 'Paluma' não foi influenciada pelo parasitismo de M. enterolobii na primeira florada.

  4. Trocas gasosas, características das folhas e crescimento de plantas jovens de Cupania vernalis Camb. submetidas a diferentes níveis de sombreamento Gas exchange and initial growth of young leaves of Cupania vernalis camb. submitted to different shading levels

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Érico de Castro Lima Junior

    2005-10-01

    Full Text Available Cupania vernalis Camb. é uma espécie arbórea pertencente à família sapindaceae, conhecida popularmente como camboatá, camboatã. É uma espécie de grande importância pelo seu uso em plantios mistos destinados à recuperação de áreas degradadas e preservação permanente. Este estudo teve como objetivo básico caracterizar o desempenho ecofisiológico desta espécie sob condições de viveiro. Avaliou-se o efeito de quatro níveis de irradiância (Pleno sol, 30%, 50% e 70% de sombreamento sobre as trocas gasosas, concentração de nitrogênio, clorofilas foliares e crescimento de plantas jovens de Cupania vernalis. As plantas submetidas a 50% de sombreamento acumularam maior massa seca de folha, caule e massa seca total em comparação com as cultivadas a pleno sol, não sendo observada diferença quanto à massa seca de raízes. A maior taxa fotossintética e condutância estomática foram observadas em folhas de plantas crescidas sob pleno sol e 30% de sombreamento. Plantas sob condições mais sombreadas apresentaram teores mais elevados tanto de clorofilas quanto de nitrogênio nas folhas. Fato semelhante ocorreu com outras características como altura, diâmetro de caule e área foliar. Essas últimas características constituem fatores determinantes da qualidade de mudas. Os resultados possibilitaram concluir que as mudas desta espécie devem ser formadas sob condições de viveiro com sombreamento de 50% ou 70% para que se obtenham mudas de melhor qualidade.Cupania vernalis Camb. is an arboreal species belonging to the sapindaceae family, known popularly as "Camboatá", "Camboatã". This species has great economical importance by its use in mixed plantings trying to recovery permanent degraded and preservation areas. This study aimed, basically, at characterizing the ecophysiological aspects of this species under nursery conditions. The effect of four levels of irradiance (Full sunshine, 30%, 50% and 70% of shading on the gas

  5. Efeito in vitro do extrato etanólico das folhas do melão-de-São-Caetano (Momordica charantia L. sobre ovos e larvas de nematóides gastrintestinais de caprinos In vitro effect of the ethanolic extract of "melão de São Caetano" (Momordica charantia L. leaves on the eggs and larvae of gastrointestinal nematodes from goats

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    L.N. Cordeiro

    2010-12-01

    Full Text Available O experimento in vitro foi realizado para avaliar a ação do extrato etanólico das folhas do melão-de-São-Caetano (Momordica charantia L. sobre o desenvolvimento de ovos e motilidade de larvas de nematóides gastrintestinais de caprinos. As larvas foram obtidas de coproculturas e a recuperação de ovos foi feita pela técnica dos quatro tamises, a partir de fezes de caprinos naturalmente infectados da mesorregião do Sertão Paraibano. O extrato foi utilizado nas diluições de 50; 25; 12,5; 6,25 e 3,12% para ambos os testes e como controle positivo e para controle negativo, utilizou-se água destilada estéril. As placas foram examinadas ao microscópio óptico para contagem dos ovos em desenvolvimento e larvas móveis e imóveis, após 24, 48 e 72 horas de incubação. As concentrações do extrato etanólico de M. charantia e os tratamentos controle negativo e positivo diferiram quanto ao número de ovos inviáveis. No teste de motilidade larval as concentrações acima de 12% apresentaram médias significativas quanto ao número de larvas inviáveis. Nas condições ensaiadas a M. charantia apresentou atividade ovicida e larvicida.The experiment in vitro was performed to evaluate the action of the ethanolic extract of "melão de São Caetano" (Momordica charantia L. leaves on the development of eggs and motility of larvae of gastrointestinal nematodes from goats. The nematode larvae were obtained from coproculture and the recovery of eggs was done in sieves, from feces of naturally infected goats from the Mesoregion of Paraíba State. The extract was used at the dilutions of 50, 25, 12.5, 6.25 and 3.12% for both tests and as positive control; for negative control, sterile distilled water was used. The plates were examined under optical microscope to count the eggs in development and mobile larvae after 24, 48 and 72 h of incubation. The concentrations of M. charantia ethanolic extract and the negative and positive controls differed as

  6. Produção de biomassa e do rendimento do óleo essencial de melissa em cultivo solteiro e consorciado com mil-folhas e alface

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Débora Soares Brandão

    2014-09-01

    Full Text Available O trabalho teve como objetivo avaliar a produção da biomassa e o rendimento de óleo essencial da melissa, quando em cultivo solteiro e consorciada com mil-folhas e alface. Os tratamentos consistiram em melissa em cultivo solteiro, melissa em consórcio com mil-folhas, melissa consorciada com alface, mil-folhas e alface em cultivo solteiro. O delineamento experimental utilizado foi o inteiramente casualizado com cinco tratamentos e seis repetições. Foram avaliados o teor e o rendimento do óleo essencial da melissa e a matéria fresca e a matéria seca da parte aérea de todas as espécies. Notou-se, a partir dos valores das médias, que o cultivo consorciado de melissa com alface proporcionou maior rendimento de óleo essencial, matéria fresca e matéria seca. Os menores valores de todas as variáveis foram observados no cultivo solteiro da melissa. Considerando o Uso Eficiente da Terra (UET, o cultivo consorciado da mil-folhas e da alface com a melissa gerou bons rendimentos de biomassa das plantas, pois os valores calculados para as espécies foram superiores a 1,0. O cultivo consorciado das espécies não interferiu significativamente no teor do óleo essencial da melissa.

  7. Atividade alelopática da fração metanólica da folha de Lafoensia pacari A. ST.-HIL. na germinação e crescimento do alface

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    R. S. P. Malheiros

    2014-11-01

    Full Text Available A alelopatia é um processo envolvendo substâncias químicas produzidas por plantas que, uma vez liberadas no ambiente, influenciam o crescimento e desenvolvimento de outras plantas nas proximidades. Nesse contexto, a alelopatia tem sido proposta como uma possível alternativa para o manejo de plantas daninhas. Lafoensia pacari é uma espécie vegetal bastante utilizada para fins medicinais. Essas características farmacológicas são consequências da presença de flavonoides, presentes principalmente na folha. Numerosos flavonoides e seus glicosídeos são conhecidos na literatura por inibir o crescimento de outras plantas. Assim, objetivou-se investigar o efeito alelopático da fração metanólica foliar de pacari no desenvolvimento inicial de alface (Lactuca sativa. Nos bioensaios foram utilizadas as concentrações: 250, 500 e 1000mg/L, além do controle. O delineamento experimental foi inteiramente casualizado, com quatro repetições, constituídas de 25 sementes para os bioensaios de germinação e 10 plântulas para os bioensaios de crescimento. A fração metanólica não promoveu efeito na germinação e no crescimento do hipocótilo de alface, porém as concentrações de 250 e 500mg/L inibiram o crescimento da radícula em 26%, e a concentração de 1000mg/L proporcionou uma inibição de 43%. Conclui-se que L. pacari possui metabólitos que tornam a espécie viável para novos estudos para obtenção de herbicidas naturais.

  8. Estimativas da área da folha de figueiras 'Roxo de Valinhos' usando dimensões lineares do limbo foliar

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Adilson Pacheco de Souza

    2014-07-01

    Full Text Available Neste estudo, objetivou-se gerar e validar modelos de estimativa da área da folha da figueira 'Roxo de Valinhos' a partir de medidas lineares de fácil obtenção. Foram coletadas 600 folhas, incluindo-se o máximo de variabilidade quanto ao tamanho, idade e formato, sendo, destas, 200 empregadas na validação das regressões. Empregaram-se os indicativos estatísticos MBE, RMSE, índice de ajustamento e índice de desempenho para avaliação da performance de 51 modelos estimativa, obtidos com base nas aplicações das medidas de comprimento, largura e transversal da folha e suas respectivas interações. Os melhores resultados foram obtidos pelas equações AF=0,1289(C+C1+C21,8450 e AF=0,9781[(C+C1+C2/3]1,8451, que propiciam desvios e espalhamentos de 0,63 e 47,85cm², com ajustamentos, correlações e desempenhos superiores a 91, 95 e 87%, respectivamente. Nas estimativas com base em apenas uma medida, deve-se aplicar a equação AF=2,879 C1,5451.

  9. Variação química no óleo essencial das folhas de seis indivíduos de Duguetia furfuracea (Annonaceae Chemical variability of the essential oil of the leaves from six individuals of Duguetia furfuracea (Annonaceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Janaina L. Valter

    2008-09-01

    Full Text Available Duguetia furfuracea, Annonaceae, uma invasora de pastagens, é também usada na medicina tradicional em diversos estados no Brasil. Devido à significante diferença de odor entre dois grupos de indivíduos desta planta em um remanescente de cerrado em Campo Grande, Mato Grosso do Sul, seis amostras foram selecionadas de acordo com a intensidade de odor em suas folhas: In-01, In-03 e In-05: odor pronunciado (Perfil A; In-02, In-04 e In-06: odor fraco ou ausência de odor (Perfil B. As folhas foram coletadas e submetidas a hidrodestilação para obtenção dos óleos essenciais, os quais foram analisados por CG/EM. Uma boa compatibilidade foi encontrada entre os resultados obtidos por CG/EM e a análise olfativa adotada para as amostras: espécimes odor pronunciado apresentaram uma alta porcentagem de monoterpenos e alguns sesquiterpenos: In-01 (β-felandreno, 42,2%; mirceno, 6,8%; α-felandreno, 4,6%; In-03 (terpin-4-ol, 21,6%; sabineno, 17,3%; p-cimeno, 5,6%; In-05 (sabineno, 25,1%; terpin-4-ol, 16,2%; p-cimeno, 8,3%. Apenas sesquiterpenos foram encontrados nos espécimes que apresentaram odor fraco ou ausência do mesmo (com constituinte majoritário biciclogermacreno: 21,4%, 24,0%, and 29,1%, respectivamente, para os In-02, In-04 e In-06.Duguetia furfuracea, Annonaceae, a pasture weed, is also used in folk medicine in several Brazilian states. Because of the significant difference in odor between two groups of this plant in a remnant patch of savanna in Campo Grande county, Mato Grosso do Sul, six samples were selected according to the odor intensity in the leaves (In-01, In-03, and In-05: pronounced odor; In-02, In-04, and In-06: weak odor or its absence. The leaves were collected and subjected to steam distillation for extraction of essential oils, which were analyzed by GC-MS. A good agreement was found between CG/MS results and olfactory evaluation of the samples: specimens exhibiting leaf scent had a high percentage of monoterpenes and

  10. FLAVONOIDS OF SALVIA MICROSTEGIA

    OpenAIRE

    A. ULUBELEN**, Z. SUKAL*, B. HALFON*

    2015-01-01

    Three flavonoids, apigenin, apigenin 7-0-glucoside and chrysoeriol, havebeen isolated from the aerial parts of Salvia microstegia Boiss. et Bal.Key words: Salvia, flavonoids, apigenin, apigenin 7-O-glucoside, chrysoeriol.

  11. Antioxidative properties of flavonoids

    NARCIS (Netherlands)

    Bowedes, T.C.F.; Luttikhold, J.; Stijn, van M.F.M.; Visser, M.; Norren, van K.; Vermeulen, M.A.R.; Leeuwen, P.A.M.

    2011-01-01

    Evidence accumulates that a family of plant compounds, known as flavonoids, can prevent or slow down the progression of cardiovascular diseases, cancer, inflammatory and neurodegenerative diseases. Flavonoids are considered beneficial, this is often attributed to their powerful antioxidant propertie

  12. Photochemistry of Flavonoids

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Jan H. Van der Westhuizen

    2010-08-01

    Full Text Available Flavonoids and their photochemical transformations play an important role in biological processes in nature. Synthetic photochemistry allows access to molecules that cannot be obtained via more conventional methods. This review covers all published synthetic photochemical transformations of the different classes of flavonoids. It is first comprehensive review on the photochemistry of flavonoids.

  13. Constituintes químicos e avaliação do potencial antiinflamatório e antioxidante de extratos das folhas de Chomelia obtusa Cham. & Schltdl. (Rubiaceae Chemical constituents and anti-inflammatory and antioxidant activities evaluation of the leaves extracts of Chomelia obtusa Cham. & Schltdl. (Rubiaceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Michely Pereira de Barros

    2008-01-01

    Full Text Available The phytochemical investigation of Chomelia obtusa leaves led to the isolation of four triterpenes (3-O-β-D-quinovopyranosyl-28-O-β-D-glycopyranosyl quinovic acid, 3-O-β-D-quinovopyranosyl-28-O-β-D-glycopyranosyl cincholic acid, and a mixture of ursolic and oleanolic acids, two flavonoids (3-O-β-D-glycopyranosyl quercetin, 3-O-[α-L-rhamnopyranosyl-(1→6-β-D-galactopyranoside] quercetin, besides bornesitol and a mixture of 3,5- and 4,5-O-dicaffeoyl quinic acids. The structures of the isolated compounds were assigned on the basis of spectroscopic data, including two-dimensional NMR methods. The anti-inflammatory and antioxidant activities of the crude methanolic extract and of its fractions were evaluated. This is the first report on the chemical and biological investigation of the Chomelia genus.

  14. Chemical constituents and anti-inflammatory and antioxidant activities evaluation of the leaves extracts of Chomelia obtusa Cham. and Schltdl. (Rubiaceae); Constituintes quimicos e avaliacao do potencial antiinflamatorio e antioxidante de extratos das folhas de Chomelia obtusa Cham. e Schltdl. (Rubiaceae)

    Energy Technology Data Exchange (ETDEWEB)

    Barros, Michely Pereira de; Santin, Silvana Maria de Oliveira; Costa, Willian Ferreira da; Vidotti, Gentil Jose; Sarragiotto, Maria Helena [Universidade Estadual de Maringa (UEM), PR (Brazil). Dept. de Quimica]. E-mail: mhsarragiotto@uem.br; Souza, Maria Conceicao de [Universidade Estadual de Maringa (UEM), PR (Brazil). Dept. de Biologia; Bersani-Amado, Ciomar Aparecida [Universidade Estadual de Maringa (UEM), PR (Brazil). Dept. de Farmacia e Farmacologia

    2008-07-01

    The phytochemical investigation of Chomelia obtusa leaves led to the isolation of four triterpenes (3-O-{beta}-D-quinovopyranosyl-28-O-{beta}-D-glycopyranosyl quinovic acid, 3-O-{beta}-D-quinovopyranosyl-28-O-{beta}-D-glycopyranosyl cincholic acid, and a mixture of ursolic and oleanolic acids), two flavonoids (3-O-{beta}-D-glycopyranosyl quercetin, 3-O-[{alpha}-L-rhamnopyranosyl-(1{yields}6)-{beta}-D-galactopyranoside] quercetin), besides bornesitol and a mixture of 3,5- and 4,5-O-dicaffeoyl quinic acids. The structures of the isolated compounds were assigned on the basis of spectroscopic data, including two-dimensional NMR methods. The anti-inflammatory and antioxidant activities of the crude methanolic extract and of its fractions were evaluated. This is the first report on the chemical and biological investigation of the Chomelia genus. (author)

  15. ASPECTOS EPIDEMIOLÓGICOS DA QUEIMA DAS FOLHAS DA CENOURA (Daucus carota L CAUSADA POR Alternaria dauci (Kühn Groves & Skolko: Efeito da Concentração de Inóculo e Determinação do Período de Geração de Alternaria dauci (Kühn Groves & Skolko. EPIDEMIOLOGICAL ASPECTS OF LEAF BLIGHT OF CARROT (Daucus carota L. CAUSED BY Alternaria dauci (KÜHN GROVES & SKOLKO: EFFECT OF INOCULUN CONCENTRATION AND DETERMINATION OF THE GENERATION TIME OF Alternaria dauci

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Yvo de Carvalho

    2007-09-01

    Full Text Available

    O efeito da concentração do inóculo de Alternaria dauci sobre a severidade de ocorrência da queima das folhas e produção de cenoura foi estudado em ensaio conduzido em casa-de-vegetação. O cultivar usado foi Nantes Meio Comprida e as concentrações de inóculo testadas foram 2x10^4, 5x10³, 10³ e 10² esporos/ml, comparadas com uma testemunha não inoculada. O grau de severidade da queima foi avaliado 10 dias após a inoculação e os resultados de produção foram tomados 150 dias após a semeadura. Diferenças estatisticamente significantes entre os tratamentos foram observadas em relação à severidade de ocorrência da queima das folhas, peso total e peso das raízes, mas não em peso das raízes comercializáveis, número total de plantas e número das raízes comercializáveis. O ciclo das infecções secundárias foi bastante reduzido, denotando baixa esporulação do fungo sob as condições reinantes na casa-de-vegetação durante o ensaio. Determinou-se o período de geração de Alternaria dauci em folíolos destacados de cenoura do cultivar Nantes Meio Comprida, sob temperatura ambiente, 16, 20 e 24 °C. Placas de Petri (150 x 20 mm, forradas com papel de filtro embebido em água, funcionaram como câmaras úmidas. Dentro dos limites estudados, a temperatura parece não exercer efeitos consideráveis sobre o ciclo biótico do fungo. Usando-se esporos produzidos em agar-V8, observou-se que a duração média do período de geração foi de 6 a 7, 5, 6 e 6 dias, respectivamente, para 16, 20, 24°C e temperatura ambiente. Notou-se que a procedência de inóculo, ou mais propriamente sua vitalidade, afetou substancialmente a amplitude do período de geração do fungo. Esporos mantidos em tubos de vidro abertos, sob condições ambientes, durante 180 dias, tiveram período de geração aproximadamente duas vezes mais longo do que esporos jovens e vigorosos

  16. EPIDEMIOLOGICAL ASPECTS OF LEAF BLIGHT OF CARROT (Daucus carota L. CAUSED BY Alternaria dauci (KÜHN GROVES & SKOLKO: SURVIVAL OF Alternaria dauci IN VEGETAL RESIDUES OF CARROT (Daucus carota L. CROP ASPECTOS EPIDEMIOLÓGICOS DA QUEIMA DAS FOLHAS DA CENOURA (Daucus carota L. CAUSADA POR Alternaria dauci (Kühn GROVES & SKOLKO: Sobrevivência de Alternaria dauci (Kühn Groves & SKOLKO em restos culturais da cenoura (Daucus carota L.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Geraldo Martins Chaves

    2007-09-01

    Full Text Available

    The spore viability of Alternaria dauci (Kühn Groves & Skolko in carrot (Daucus carota L. debris which were kept at different levels of temperature and relative humidity, without light, was studied. The temperature levels tested were 8, 16, 24 and 32°C, and the relative humidity levels 3, 18, 51, 73 and 100%. The treatments were different combinations of these levels. Humidity was the more important factor in preserving the fungus spore ability to germinate and its infectivity. Under conditions of high relative humidity and temperatures of 24 and 32°C, the spores rapidly lost their viability. This did not happen when the relative humidity was equal to, or below, 51%. The survival of fungus mycelium on carrot petioles was studied in non-treated organic soil, at different humidity levels, at three different depths, during a period of 120 days. Soil humidity was the factor of major significance in the persistence of the mycelium, followed by depths and time factors. In petioles kept at depths of 10 and 20 cm in humid soil, the survival was greatly reduced, while survival was markedly higher in those kept at the surface of dry soil. The effect of humidity on the viability of mycelium was studied also under soiless condition. Petioles were maintained in relative humidity controlled chamber, at 24°C. In saturated atmosphere (100% humidity, the mycelium viability was lost in less than 20 days. It was concluded that both, the conidial and mycelial form of Alternaria dauci are quite sensitive to high humidity levels.

    Estudou-se a sobrevivência das formas conidial e miceliana de Alternaria dauci, respectivamente, sobre folhas necrosadas e pecíolos de cenoura, sob diferentes condições mesológicas. Os esporos do fungo sobre conidióforos em folhas necrosadas de cenoura foram mantidos por 120 dias sob condi

  17. Produtividade de laranjeira Folha Murcha enxertada em limoeiro Cravo sob adensamento de plantio

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fernando Alves Azevedo

    2015-06-01

    Full Text Available A citricultura brasileira passa por mudanças no padrão tecnológico, destacando-se o adensamento dos plantios. Dentro desse contexto, implantou-se em 1982 experimento para avaliação de cinco espaçamentos entre plantas (2,0; 3,0; 4,0; 5,0 e 6,0 metros para laranjeira Folha Murcha, enxertada em limoeiro Cravo. O ensaio foi conduzido sem irrigação, fixando-se o espaçamento entrelinhas em 6,5 metros. Em complementação aos dados obtidos entre os anos de implantação e estabilização do pomar (1982 a 1993, são apresentados e discutidos neste trabalho resultados de avaliações realizadas do 12.o ao 22.º ano de cultivo (1994 a 2004. Calculou-se volume de copa a partir dos dados de altura e diâmetro das plantas, em 1995. Além disso, avaliou-se a produção de frutos por planta, produção acumulada e projeção da produtividade média (t ha–1 para cada espaçamento proposto. No espaçamento mais adensado (6,5×2,0 m, as plantas apresentaram menor volume de copa; em contrapartida, maior produtividade da laranjeira Folha Murcha foi observada nesse tratamento. Houve queda de produção nos anos mais avançados de cultivo, independentemente da densidade de plantio. O espaçamento 6,5×2,0 acarreta alta produtividade para laranjeira Folha Murcha, tornando a técnica do adensamento apta à adoção pelo citricultor.

  18. Adubação do cafeeiro com nitrato de potássio via solo e folha, no outono-inverno e primavera-verão: efeitos na atividade da redutase do nitrato, no crescimento das plantas e na produção Coffee tree fertilization with potassium nitrate via leaf and soil, in autumn-winter and spring-summer: effects on nitrate reductase activity, on plant growth and production

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rupert Barros de Freitas

    2007-08-01

    Full Text Available Objetivou-se verificar o efeito da adubação de 100 g de N/ano/planta, em três épocas (outono-inverno, primavera-verão e outono-inverno/primavera-verão e três modos de aplicação (folha, solo e folha/solo, no desenvolvimento, na produção e na atividade da redutase do nitrato (RN da cultivar Rubi-MG com quatro anos de idade. A análise conjunta entre o modo e época de aplicação mostra que o padrão de RN não se altera, sendo no frio maior nas raízes e no calor maior nas folhas. O mesmo aconteceu com o padrão de crescimento, rápido na estação quente/chuvosa e lento no período seco/frio. Em função da época de adubação, concluiu-se que, no outono-inverno, deve-se dar preferência pela aplicação na folha ou folha-solo. Esses modos de adubação foram os mais eficientes na retomada do crescimento. Quando as adubações ocorrerem nos dois períodos, qualquer um dos três modos pode ser utilizado. Apesar da inviabilidade de várias pulverizações, eventualmente, uma ou mais pulverizações com KNO3 podem substituir eficientemente a adubação no solo.The objective of this work was to verify the effect of the fertilization of 100g N/year/plant, in three periods (autumn-winter, spring-summer and autumn-winter/spring-summer and three types of application (leaf, soil and leaf/soil on the development, production and nitrate reductase activity (NR on four years old Rubi-MG cultivar. The analysis of type and time of application showed no alteration on NR activity being higher on roots in cold weather and higher on leaves in warmer weather. The same was observed with growth pattern, fast in hot/rain season and slow in dry/cold period. During autumn-winter, applications may be performed on leaf or leaf-soil. These types of fertilization were the most efficient during growth recovering. When the fertilization occurred in both periods, any type may be used. Although, several pulverizations are nonviable, one or more pulverization with

  19. químicos das folhas de Qualea grandiflora: atribuição dos dados de RMN de dois flavonóides glicosilados acilados diastereoisoméricos Chemical constituents from leaves of the Qualea grandiflora: attribution of the NMR data of two diastereoisomeric acylated flavonoid glycosids

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Mariane Cruz Costa Ayres

    2008-01-01

    Full Text Available Phytochemical investigation from leaves of the Qualea grandiflora (Vochysiaceae resulted in the isolation and identification of kaempferol-3-O-α-L-(4"-E-p-coumaroyl-rhamnoside, kaempferol-3-O-α-L-(4"-Z-p-coumaroyl-rhamnoside, squalene, phytol, lupeol, α-amyrin, β-amyrin, sitosterol, sitostenone, sitosterol-3-O-β-D-glucopyranoside, ursolic and oleanolic acids. The structures of the compounds were identified by 1D- and 2D-NMR experiments, mass and UV spectrometry and comparison with literature data.

  20. Fitodefensivos em plantas medicinais: macromoléculas hidrofílicas de folhas de mil folhas (Achillea millefolium L.) inibem o crescimento in vitro de bactérias fitopatogênicas

    OpenAIRE

    TESSAROLLO, N. G.; Carrijo,L.C.; Barbosa,M.O.; H.O. Almeida; Pereira,T.H.A.; M.J. Magalhães Jr.; J.P.V. Leite; Pereira,P. R. G.; Baracat-Pereira,M.C.

    2013-01-01

    Extratos aquosos da planta medicinal Achillea millefolium contêm macromoléculas de interesse para desenvolver fitodefensivos para a agricultura. Duas frações de mil folhas foram obtidas por ultrafiltração, E1 (contendo moléculas maiores que 30 kDa), e E3 (peptídeos entre 1 e 10 kDa) que inibiram o crescimento das bactérias fitopatogênicas Ralstonia solanacearum, gram-negativa, e Clavibacter michiganensis subsp. michiganensis, gram-positiva, com dependência de concentração. Os valores de conce...

  1. Estimativa da área de folhas de cultivares antigas e modernas de soja por método não destrutivo

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Gean Leonardo Richter

    2014-12-01

    Full Text Available O objetivo do trabalho foi determinar um modelo matemático empírico que estime a área de folhas em cultivares de soja a partir de dimensões lineares da folha, com ênfase para cultivares modernas e recentemente em uso por agricultores no Rio Grande do Sul. Para isso, foi realizado um experimento de campo em Santa Maria com 13 cultivares (NS 4823 RR, BMX Energia RR, Igra RA 518 RR, BMX Turbo RR, NA 5909 RG, TMG 7161 RR Inox, TEC 5936IPRO, IAS 5, BMX Potência RR, Fepagro 36 RR, BRS 246 RR, Bragg e CD 219 RR durante três anos agrícolas (2010/2011, 2012/2013 e 2013/2014. Foram coletadas 20 folhas de cada cultivar para a calibração do modelo e outras 50 folhas para testar a capacidade preditiva do mesmo, nas quais foi medido o comprimento (C e a maior largura (L de cada folíolo central dos trifólios. A partir da relação entre área da folha e as dimensões lineares do folíolo central foi ajustado um modelo linear para cada cultivar e um modelo geral para todas as cultivares. A capacidade preditiva das equações foi avaliada pelas estatísticas raiz quadrada média do erro, BIAS, índice de concordância modificado e coeficiente r. Os resultados indicam que o método não destrutivo, baseado nas dimensões lineares do folíolo central, é apropriado para a estimativa da área de folhas individuais em soja e que a equação geral AF = 2,0185.(C.L pode ser utilizada para várias cultivares modernas de soja.

  2. Eficiência relativa de fontes de silício no controle de brusone nas folhas em arroz

    OpenAIRE

    Berni,Rodrigo Fascin; Prabhu,Anne Sitarama

    2003-01-01

    A adubação silicatada constitui uma das alternativas para diminuir o uso de fungicidas no controle da brusone em arroz. Foi realizado um experimento, durante 1999/2000 e repetido durante 2000/2001, com o objetivo de estudar a eficiência relativa de fontes de silício (Si) na redução da severidade da brusone nas folhas da cultivar Metica-1, em área de várzea. Os tratamentos foram três fontes de Si (silicato de alto forno; serpentinito, minério rico em Si e wollastonita, um metasilicato de cálci...

  3. Produção e qualidade de folhas de amoreira em função da época do ano e de colheita

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Miranda José Ednilson

    2002-01-01

    Full Text Available A quantidade e qualidade das folhas de amoreira (Morus alba L. exercem influência marcante sobre o desenvolvimento do bicho-da-seda e são, por sua vez, influenciadas por fatores como a idade das folhas, época do ano e características genéticas dos cultivares. Avaliou-se a produção e a qualidade nutricional de folhas de cinco cultivares de amoreira em diferentes épocas do ano e de colheita, objetivando verificar sua adaptação na região de Jaboticabal (SP. As folhas dos cultivares 'Miura', 'Korin', 'Calabresa', 'FM86' e 'FM Shima-Miura' foram colhidas na primavera, verão e outono após 45, 60, 75 e 90 dias da poda (DAP e avaliadas quanto à produção de folhas níveis de proteína bruta (PB e fibra em detergente neutro (FDN. As melhores produções foram verificadas em 'FM Shima-Miura', principalmente aos 75 DAP na primavera e no verão e aos 90 DAP no outono. No verão, as colheitas efetuadas aos 60, 75 e 90 DAP resultaram em produções mais elevadas. As épocas de colheita que resultaram em maiores níveis de PB foram aos 45 e 60 DAP e em menores níveis de FDN aos 60 DAP, respectivamente. Foi possível conciliar altos níveis de PB, baixos níveis de FDN e relativamente alta produção de massa foliar somente na colheita efetuada aos 75 DAP.

  4. Caracterização anatômica e fitoquímica de folhas e rizomas de Hedychium coronarium J. König (Zingiberaceae Anatomical and phytochemical characterization of leaves and rhizomes from Hedychium coronarium J. König (Zingiberaceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    M.B.G Martins

    2010-06-01

    Full Text Available Devido a grande potencialidade na utilização de Hedychium coronarium, na medicina popular e também como biorremediadora no tratamento de efluentes, objetivou-se uma diagnose dos órgãos, folha e rizoma, para elucidar resultados estruturais e fitoquímicos. A folha é anfiestomática, com predominância de estômatos na face abaxial. Em ambas as superfícies foliares há projeções de cera epicuticular sobre as paredes anticlinais das células epidérmicas. O mesofilo dorsiventral apresenta hipoderme multisseriada (3 camadas em ambos os lados. O parênquima clorofiliano é diferenciado em paliçádico (1-2 camadas e lacunoso (4-5 camadas com muitos espaços intercelulares e ocorrência de idioblastos cristalíferos. Na nervura central, o aerênquima ocorre em único arco na região abaxial. Os feixes vasculares distribuem-se aleatoriamente e são de diferentes tamanhos, pequenos, médios e grandes, envolvidos por fibras. Os feixes menores localizam-se no lado abaxial da nervura. A triagem fitoquímica das folhas mostrou a presença de saponinas e ausência de taninos, antraquinonas, alcalóides e flavonóides. Por meio de Cromatografia em Camada Delgada foram identificadas as presenças de cariofileno e mirceno no óleo essencial bruto obtido a partir das folhas de H. coronarium.Due to the great potentiality regarding the use of Hedychium coronarium in folk medicine and also as a bioremediator in effluent treatment, this study aimed to diagnose leaf and rhizome in order to elucidate structural and phytochemical results. Hedychium coronarium leaf is amphistomatal, with predominance of stomata on the abaxial surface. On both leaf surfaces, there are epicuticular wax projections over the anticlinal walls from epidermal cells. The dorsiventral mesophyll presents multiseriate (3 layers hypoderm on both sides. The chlorophyllian parenchyma is differentiated into palisade (1-2 layers and spongy (4-5 layers with many intercellular spaces and some

  5. Antimicrobial activity of flavonoids.

    Science.gov (United States)

    Cushnie, T P Tim; Lamb, Andrew J

    2005-11-01

    Flavonoids are ubiquitous in photosynthesising cells and are commonly found in fruit, vegetables, nuts, seeds, stems, flowers, tea, wine, propolis and honey. For centuries, preparations containing these compounds as the principal physiologically active constituents have been used to treat human diseases. Increasingly, this class of natural products is becoming the subject of anti-infective research, and many groups have isolated and identified the structures of flavonoids possessing antifungal, antiviral and antibacterial activity. Moreover, several groups have demonstrated synergy between active flavonoids as well as between flavonoids and existing chemotherapeutics. Reports of activity in the field of antibacterial flavonoid research are widely conflicting, probably owing to inter- and intra-assay variation in susceptibility testing. However, several high-quality investigations have examined the relationship between flavonoid structure and antibacterial activity and these are in close agreement. In addition, numerous research groups have sought to elucidate the antibacterial mechanisms of action of selected flavonoids. The activity of quercetin, for example, has been at least partially attributed to inhibition of DNA gyrase. It has also been proposed that sophoraflavone G and (-)-epigallocatechin gallate inhibit cytoplasmic membrane function, and that licochalcones A and C inhibit energy metabolism. Other flavonoids whose mechanisms of action have been investigated include robinetin, myricetin, apigenin, rutin, galangin, 2,4,2'-trihydroxy-5'-methylchalcone and lonchocarpol A. These compounds represent novel leads, and future studies may allow the development of a pharmacologically acceptable antimicrobial agent or class of agents.

  6. Estudo farmacognóstico de folhas e raízes da Spiranthera odoratissima A. St.-Hil. (Rutaceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    L.G. Matos

    2014-09-01

    Full Text Available A Spiranthera odoratissima A. St.-Hil. (manacá é um arbusto cujas raízes são utilizadas popularmente contra dores musculares, de estômago e de cabeça, disfunções hepáticas, reumatismo, e como estimulante do apetite. As folhas são empregadas como depurativo do sangue, nas afecções renais e hepáticas. O objetivo deste trabalho foi realizar o estudo morfo-anatômico de S. odoratissima, bem como a triagem fitoquímica, a determinação dos teores de água, cinzas totais e insolúveis em ácido. O material vegetal foi coletado em Leopoldo de Bulhões/ Goiás e os estudos morfo-anatômicos e a triagem fitoquímica foram realizados utilizando as técnicas convencionais. Verificou-se que a folha é hipoestomática, com estômatos anomocíticos e a epiderme apresenta papilas na face abaxial. O mesofilo é dorsiventral e a nervura principal possui drusas de oxalato de cálcio e cavidades secretoras. O pecíolo apresenta sistema vascular em forma circular. Na raiz, em crescimento primário, observou-se cilindro vascular com organização diarca. Na prospecção fitoquímica detectaram-se fenóis, taninos, cumarinas, flavonoides, triterpernos/esteróis, antraquinonas e antocianinas nas folhas e alcaloides, cumarinas, amido e saponinas nas raízes. Esses resultados são parâmetros importantes para o controle de qualidade dessa matéria-prima vegetal.

  7. Rotina em folhas de Ateleia glazioviana Baill (Leguminosae - Papilionoideae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    George González Ortega

    1986-12-01

    Full Text Available O teor de rutina foi avaliado em extratos hidroalcoólicos de folha de Ateleia glazioviana Baill. Foram examinadas amostras coletadas em janeiro, maio, outubro e dezembro, constatando-se maior teor na amostra de outubro (primavera. Com o produto bruto e purificado obtido dessa amostra foram realizados ensaios de pureza e doseamento da rutina conforme F. Bras. III.

  8. Comportamento da laranjera 'Folha Murcha' em sete porta-enxertos no noroeste do Paraná Performance of 'Folha Murcha' orange on seven rootstocks in northwest of Parana

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Neusa Maria Colauto Stenzel

    2005-12-01

    Full Text Available Este trabalho avaliou por um período de 14 anos, em Paranavaí-PR, o comportamento de plantas de laranjeira 'Folha Murcha' enxertadas nos porta-enxertos: limoeiros 'Cravo' (Citrus limonia, 'Rugoso da África' (Citrus jambhiri e 'Volkameriano' (Citrus volkameriana, citrangeiro 'C-13' (Citrus sinensis x Poncirus trifoliata, trifoliata (Poncirus trifoliata, tangerineiras 'Sunki' (Citrus sunki e 'Cleópatra' (Citrus reshni. O delineamento experimental utilizado foi o de blocos ao acaso, com sete tratamentos (porta-enxertos e quatro repetições, com três plantas por parcela. Os volumes das copas de plantas em tangerineira 'Cleópatra' e limoeiro 'Rugoso da África' foram significativamente maiores. Plantas em limoeiro 'Cravo' apresentaram a menor diferença entre os diâmetros dos troncos do porta-enxerto e da copa. A produção acumulada foi superior nas plantas em limoeiro 'Rugoso da África' e tangerineira 'Cleópatra' e menor em plantas sobre o trifoliata. A alternância da produção não foi acentuada nas plantas sobre os porta-enxertos avaliados. O teor de sólidos solúveis totais foi significativamente superior nos frutos obtidos de plantas enxertadas em trifoliata e menor em limoeiro 'Rugoso da África'. A qualidade do suco apresentou-se dentro dos padrões aceitáveis para variedades-copa de laranjeiras. A tangerineira 'Cleópatra' e o limoeiro 'Rugoso da África' são porta-enxertos promissores para a laranjeira 'Folha Murcha' nas condições avaliadas.This work evaluated for 14 years, in Paranavaí, PR, Brazil, the performance of 'Folha Murcha' orange trees budded on the following rootstocks: 'Rangpur' lime (Citrus limonia, 'African' rough lemon (Citrus jambhiri, 'Volkamer' lemon (Citrus volkameriana, 'C-13' citrange (Citrus sinensis × Poncirus trifoliata, trifoliate orange (Poncirus trifoliata, 'Sunki' mandarin (Citrus sunki and 'Cleopatra' mandarin (Citrus reshni. The experimental design was in blocks, with seven treatments

  9. CONTRIBUIÇÃO AO ESTUDO ANATÔMICO DA FOLHA E DO CAULE DO CACAUEIRO (Theobroma cacao L.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    NAKAYAMA L.H.I

    1996-01-01

    Full Text Available O presente estudo teve como objetivo descrever a anatomia da folha e do caule adulto enfatizando a caracterização dos tricomas e das estruturas secretoras do cacaueiro. Foram analisadas amostras de caule e folhas (limbo e pecíolo, correspondente ao 3º nó, além de folhas novas de 5cm de comprimento. A lâmina foliar é hipoestomática, com estômatos do tipo anomocítico. Em ambas as faces do limbo ocorrem quatro tipos de tricomas: sendo dois tectores e dois glandulares. Na epiderme adaxial estão presentes as glândulas secretoras de mucilagem. O mesofilo é dorsiventral; o parênquima paliçádico é formado por duas ou três camadas. O parênquima lacunoso apresenta células coletoras. Ao longo do mesofilo predomina feixes colaterais envolvidos por bainha esclerenquimática que se estende até as epidermes. O padrão de venação é do tipo Camptodroma com ramificações mistas Brochidrodomas e Eucamptodromos. O pecíolo e o caule apresentam a epiderme com os tricomas descritos para o limbo; No parênquima cortical e medular do pecíolo e caule, há células contendo grãos de amido, idioblastos contendo drusas e canais de mucilagem. O sistema vascular ao longo do pecíolo se diferencia quanto a organização. O caule apresenta camadas de clorênquima, e de colênquima. Ocorre a esclerificação das células deste último, com o desenvolvimento. Segue-se um anel descontínuo de fibras do floema primário. A medula é ampla e se esclerifica com o desenvolvimento.

  10. Flavonoids and the CNS

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Anna K. Jäger

    2011-02-01

    Full Text Available Flavonoids are present in almost all terrestrial plants, where they provide UV-protection and colour. Flavonoids have a fused ring system consisting of an aromatic ring and a benzopyran ring with a phenyl substituent. The flavonoids can be divided into several classes depending on their structure. Flavonoids are present in food and medicinal plants and are thus consumed by humans. They are found in plants as glycosides. Before oral absorption, flavonoids undergo deglycosylation either by lactase phloridzin hydrolase or cytosolic β-glucocidase. The absorbed aglycone is then conjugated by methylation, sulphatation or glucuronidation. Both the aglycones and the conjugates can pass the blood-brain barrier. In the CNS several flavones bind to the benzodiazepine site on the GABAA-receptor resulting in sedation, anxiolytic or anti-convulsive effects. Flavonoids of several classes are inhibitors of monoamine oxidase A or B, thereby working as anti-depressants or to improve the conditions of Parkinson’s patients. Flavanols, flavanones and anthocyanidins have protective effects preventing inflammatory processes leading to nerve injury. Flavonoids seem capable of influencing health and mood.

  11. Flavonoids: prospective drug candidates.

    Science.gov (United States)

    Cazarolli, Luisa Helena; Zanatta, Leila; Alberton, Elga Heloisa; Figueiredo, Maria Santos Reis Bonorino; Folador, Poliane; Damazio, Rosangela Guollo; Pizzolatti, Moacir Geraldo; Silva, Fátima Regina Mena Barreto

    2008-11-01

    The purpose of this review is to discuss the recent developments related to the chemistry and medicinal properties of flavonoids. Major flavonoids that show well categorized structures and well defined structure function-relationships are: flavans, flavanones, flavones, flavanonols, flavonols, catechins, anthocyanidins and isoflavone. The biological properties of flavonoids include antioxidant, anti-inflamatory, antitumoral, antiviral and antibacterial, as well as a direct cytoprotective effect on coronary and vascular systems, the pancreas and the liver. These characteristics place them among the most attractive natural substances available to enrich the current therapy options.

  12. FLAVONOIDS FROM Cleome amblyocarpa

    OpenAIRE

    A. ULUBELEN*, N. TAN*, F.M. HARRAZ**,

    2015-01-01

    Seven flavonoids, six of them being known compounds, named apigenin, kaempferol 3-glucoside, quercetin 3-glucoside-7-rhamnoside,is orhamnetin 3- glucoside-7-rhamnoside, kaempferol 3, 7-dirhamnoside, kaempferol7-rhamnoside and the new derivative of kaempferol: kaempferol 7-methyl ether 3-rhamnoside were obtained from the polar fractions of Cleome amblyocarpa. Their structures were determined by spectral and chemical methods.Key words: Cleome arnblyocarpa; Capparaceae; flavonoids.

  13. Desenvolvimento e mortalidade larval de Spodoptera frugiperda em folhas de milho tratadas com extrato aquoso de folhas de Azadirachta indica Larval development and mortality of Spodoptera frugiperda fed on corn leaves treated with aqueous extract from Azadirachta indica leaves

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Paulo Afonso Viana

    2003-01-01

    Full Text Available Estudou-se o efeito do extrato aquoso de folhas de nim sobre o desenvolvimento e a mortalidade de lagartas recém-eclodidas de Spodoptera frugiperda. Para constatação do efeito de contato e de ingestão, as lagartas foram pulverizadas e as folhas de milho submersas no extrato (10 mg.mL-1 em laboratório e/ou pulverizadas no campo com um pulverizador de CO2. Partes de folhas de milho tratadas foram colocadas em copos plásticos para alimentar as lagartas e trocadas a cada dois dias. Adjuvantes foram adicionados ao extrato visando melhorar sua aderência às superfícies tratadas. Os parâmetros avaliados foram a mortalidade e o desenvolvimento larval. As folhas de milho submergidas e pulverizadas com o extrato causaram elevada mortalidade (100% e prejudicaram o desenvolvimento das lagartas sobreviventes. Na avaliação realizada 10 dias após a aplicação, o espalhante adesivo e o óleo de soja misturados ao extrato melhoraram a eficiência deste. A mortalidade das lagartas ocorreu três dias após a aplicação do extrato e a sua pulverização diretamente sobre o inseto não prejudicou o desenvolvimento larval. O extrato aquoso de nim mostrou-se com potencial para o controle de S. frugiperda.The effect of aqueous extracts from neem leaves and spraying adjuvants were evaluated on development and mortality of neonate S. frugiperda larvae. Corn leaves were dipped in the aqueous extract (10 mg.mL-1 in the laboratory and/or sprayed in the field with a CO2 sprayer and placed in plastic cup for larvae rearing. The treated corn leaves were replaced every other day. Corn leaves submerged and sprayed with the extract caused high larval mortality (100% and showed a negative effect on the larval development. The spreading agent and soybean oil mixed with neem extract improved larval mortality at the end of the 10-day period. The aqueous extract caused lethal effect on S. frugiperda larvae after three days of the application and sprayed directly on the

  14. Literatura e imaginário em “Leito de folhas verdes”

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Murata, Elza Kioko Nakayama Nenoki

    2009-01-01

    Full Text Available O texto poético é o lugar da estesia/estética, no qual importa considerar em sua análise a referencialização, a produção das imagens, processos responsáveis pelos efeitos de sentido. Assim, a delimitação da disciplina utilizada para analisar o texto “Leito de folhas verdes”, determina uma questão metodológica: o diálogo entre Literatura e Imaginário é pertinente para desvendar os meandros da discursividade de Gonçalves Dias? Propõe-se como resposta considerar que a articulação da Literatura com a Antropologia do imaginário é um caminho que leve a se descobrir, na narratividade de Gonçalves Dias, a existência particular e específica de uma determinada fruição que, aponta o processo de o poeta organizar sua reflexão e sensibilidade de modo a vislumbrar o imaginário da mulher indígena. Tal questão motiva a analisar o poema “Leito de folhas verdes” articulando-a à abordagem durandiana do trajeto antropológico do imaginário. O ponto nucleador da análise mostra, portanto, que são os componentes simbólicos da discursividade de Gonçalves Dias que levam a compreender sua narratividade

  15. Severidade de antracnose em folhas de sorgo submetido a doses crescentes de silício

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Gil Rodrigues Santos

    Full Text Available A antracnose foliar é causada pelo fungo Colletotrichum sublineolum Hann. Kabát et Bub. (sin. C. graminicola (Ces. G.W. Wils. em plantas de sorgo podendo reduzir a produtividade de grãos e forragem, e o manejo adequado da nutrição mineral desta planta pode se apresentar como um mecanismo de controle sobre a antracnose. Dentre os minerais utilizados para o manejo de doenças, o silício destaca-se por reduzir a severidade das doenças em várias culturas. Diante do exposto, este trabalho teve por objetivo avaliar a severidade da antracnose em diferentes genótipos de sorgo suplementados com doses crescentes de silício. Para tal, realizaram-se experimentos em condições de casa de vegetação e de campo onde os genótipos de sorgo DOW 1F305 e A9735R foram suplementados com doses crescentes de silício (0; 500; 1.000; 1.500; 2.000; e 4.000 kg ha-1 e avaliados quanto à severidade da antracnose. Avaliou-se a severidade da doença por meio de uma escala de notas e, em seguida, amostras foram coletadas para determinação da concentração de silício nas folhas. Após a análise dos resultados, concluiu-se que houve redução na severidade da antracnose em resposta a adubação com silício para ambos os genótipos avaliados. Apesar do genótipo de sorgo DOW 1F305 acumular menores teores de silício em suas folhas, este genótipo foi mais resistente ao ataque da antracnose foliar.

  16. Caracterização anatômica e química da folha e do sistema radicular de Hydrocotyle umbellata (Apiaceae Anatomical and chemical characterization of the leaf and root system of Hydrocotyle umbellata (Apiaceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria Bernadete Gonçalves Martins

    2008-09-01

    Full Text Available A família Apiaceae (Umbelliferae, também denominada de pioneira das praias, é capaz de habitar locais de alto teor de salinidade, além de suportar a ação dos ventos e das ondas. O presente trabalho teve como objetivo o estudo da anatomia foliar e radicular e analisar constituintes químicos das folhas e do sistema radicular, caracterizando grupos químicos biologicamente ativos presentes nesses órgãos que permitam aplicações farmacológicas. O material foi coletado na região de Proteção Ambiental Iguape, Cananéia, Peruíbe. As folhas são dorsiventrais, com epiderme unisseriada, bordo regular, parênquima paliçádico com duas a três camadas e parênquima lacunoso com oito e nove camadas de células. É anfiestomática, apresentando grandes câmaras subestomáticas com maior incidência de estômatos na epiderme abaxial. O feixe vascular é colateral apresentando células de esclerênquima em forma de meia lua ao redor do xilema e do floema. O pecíolo apresenta contorno irregular, está envolvido por colênquima em toda sua extensão e apresenta grande quantidade de canais secretores entre os feixes vasculares. O rizoma apresenta contorno irregular com variação de 10 a 15 camadas de células de parênquima constituindo o córtex. O cilindro central é constituído por feixes colaterais delimitados pela endoderme. O periciclo é sinuoso e envolve totalmente os feixes vasculares. Sob a epiderme há uma faixa contínua de colênquima. A medula é constituída de células de parênquima de parede fina. H. umbellata apresentou triterpenos, saponinas, flavonóides, compostos poliacetilênicos e leucoceramidas. Folhas e rizomas apresentaram constituintes químicos semelhantes, com diferenças apenas na intensidade dos picos, o que denota diferença quantitativa entre as substâncias presentes. O rendimento do extrato do rizoma é menor que o rendimento das folhas.The Apiaceae family (Umbelliferae, also called pioneer of beaches, is

  17. Diagnose foliar da gravioleira (Annona muricata L.: efeito da posição de ramos e folhas Part of plant to sample leaves for nutritional status evaluation in soursop (Annona muricata L.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rosiane de Lourdes Silva de Lima

    2007-10-01

    Full Text Available A carência de informações na literatura sobre a amostragem de folhas da gravioleira, particularmente, a definição da posição da folha na copa das árvores e das folhas nos ramos ainda é um fator limitante para a diagnose foliar dessa cultura. Objetivando determinar a parte da planta indicada para a amostragem de folhas e a avaliação do estado nutricional da gravioleira conduziu-se um experimento no Campo Experimental da Embrapa Agroindústria Tropical, em Pacajus (CE, no período de março a abril de 2003. Colheram-se folhas de três posições da copa (terço superior, terço médio e terço inferior e três posições no ramo (folhas da parte apical, mediana e basal e determinaram-se os teores de P, K, Ca, Mg, S, Fe, Cu, Zn e Mn. Os resultados permitem sugerir que os teores de minerais das folhas da parte mediana da copa das árvores e na posição mediana do ramo refletem melhor o estado nutricional da frutífera.The lack of information in literature about leaf sampling soursop plant in particular, the definition of the leaf position at the tree top and leaves on the branches is still a limiting factor for the diagnosis of this cultivation. Aiming to determine which is the suitable part of the plant for leaf sampling and evaluate the nutritional status of the soursop plants, an experiment was developed on the experimental farm Embrapa - CNPAT, at Pacajus-CE, in the period from March to April, 2003. One collected leaves from three positions at the top (upper third, medium third and lower third and three positions on the branches (apical part leaves, basal and medium and one determined the tenor of P, K, Ca, Mg, S, Fe, Cu, Zn and Mn. The results allow to suggest that the mineral levels of the medium part of leaves at the top of the trees on the medium position of the branch, reflect best nutritional status of the plant.

  18. Neuroprotection by flavonoids

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Dajas F.

    2003-01-01

    Full Text Available The high morbidity, high socioeconomic costs and lack of specific treatments are key factors that define the relevance of brain pathology for human health and the importance of research on neuronal protective agents. Epidemiological studies have shown beneficial effects of flavonoids on arteriosclerosis-related pathology in general and neurodegeneration in particular. Flavonoids can protect the brain by their ability to modulate intracellular signals promoting cellular survival. Quercetin and structurally related flavonoids (myricetin, fisetin, luteolin showed a marked cytoprotective capacity in in vitro experimental conditions in models of predominantly apoptotic death such as that induced by medium concentrations (200 µM of H2O2 added to PC12 cells in culture. Nevertheless, quercetin did not protect substantia nigra neurons in vivo from an oxidative insult (6-hydroxydopamine, probably due to difficulties in crossing the blood-brain barrier. On the other hand, treatment of permanent focal ischemia with a lecithin/quercetin preparation decreased lesion volume, showing that preparations that help to cross the blood-brain barrier may be critical for the expression of the effects of flavonoids on the brain. The hypothesis is advanced that a group of quercetin-related flavonoids could become lead molecules for the development of neuroprotective compounds with multitarget anti-ischemic effects.

  19. MANEJO DE CORTE DAS FOLHAS DE Copernicia prunifera (Miller H. E. Moore NO PIAUÍ

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    CLEMILTON DA SILVA FERREIRA

    2013-01-01

    Full Text Available The carnauba (Copernicia prunifera (Miller HE Moore is a native fruit species to the north- east of Brazil and its exploration is based mainly on the extract of wax powder from leaves. The objective of this study was to evaluate the effect of different management strategies of cutting leaves, developmental stages and leaf age on leaf traits and physical-chemical attributes of carnauba wax in a natural population of carnauba palm located at the Cajazeira Farm, municipality of União, Piauí state, Brazil. The selected plants were identi- fied and classified in two developmental stages: capoteiro and adult palm. The management strategies cutting leaves were: one cut in August; two cuts, the first in August and the second in December; and one cut in De- cember. The leaves were separated according to age into new and old leaf. It was performed the individual analysis of variance of leaf number (LN, wax powder production (WP, ratio WP/LN, moisture content, impu- rities content and wax yield for each management systems as well as the analysis of the different managements. Leaf age presented as the attribute of greater relevance in the commercial use of carnauba. The best manage- ment strategy for cutting leaves of carnauba consists of a single annual cut in December.

  20. MANEJO DE CORTE DAS FOLHAS DE Copernicia prunifera (Miller) H. E. Moore NO PIAUÍ

    OpenAIRE

    CLEMILTON DA SILVA FERREIRA; JOSÉ AIRTON RODRIGUES NUNES; REGINA LUCIA FERREIRA GOMES

    2013-01-01

    The carnauba (Copernicia prunifera (Miller) HE Moore) is a native fruit species to the north- east of Brazil and its exploration is based mainly on the extract of wax powder from leaves. The objective of this study was to evaluate the effect of different management strategies of cutting leaves, developmental stages and leaf age on leaf traits and physical-chemical attributes of carnauba wax in a natural population of carnauba palm located at the Cajazeira Farm, municipality of União, Piauí st...

  1. Constituintes voláteis das folhas e dos galhos de Cinnamomum zeylanicum Blume (Lauraceae)

    National Research Council Canada - National Science Library

    Lima, Maria da Paz; Zoghbi, Maria das Graças B; Andrade, Eloisa Helena A; Silva, Tatiana Maria D; Fernandes, Carlos Sousa

    2005-01-01

    ...%). Nos galhos foram identificados trinta e seis componentes, com predominância dos monoterpenos alfa- e beta-pineno (9,9%; 3,5%), alfa-felandreno (9,2%), p-cimeno (6,2%), limoneno (7,9%), linalol (10,6...

  2. Pentacyclic triterpenoids from the leaves of Terminalia brasiliensis; Triterpenoides pentaciclicos das folhas de Terminalia brasiliensis

    Energy Technology Data Exchange (ETDEWEB)

    Araujo, Delton Servulo; Chaves, Mariana H. [Universidade Federal do Piaui, Teresina, PI (Brazil). Dept. de Quimica]. E-mail: mariana@ufpi.br

    2005-11-15

    Eleven oleanane, ursane and lupane-type triterpenes were isolated from the leaves of Terminalia brasiliensis Camb, daturadiol (3{beta},6{beta}-dihydroxy-olean-12-ene), 3{beta}-hydroxy-30-norlupan-20-one, lupenone, {beta}-amyrenone, {alpha}-amyrenone, lupeol, {beta}-amyrin, {alpha}-amyrin, betulin, erythrodiol and uvaol, in addition to squalene, sitosterol and {alpha}-tocopherol. The structures of these compounds were identified by {sup 1}H and {sup 13}C NMR spectral analysis and comparison with literature data. (author)

  3. Papel dos tricomas glandulares da folha do tomateiro na oviposição de Tuta absoluta Role of tomato leaf glandular trichomes on oviposition of Tuta absoluta

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Elsa Gilardón

    2001-03-01

    Full Text Available Os tricomas glandulares presentes nas folhas e ramos das plantas do gênero Lycopersicon são responsáveis pela secreção de metabólitos de diferentes naturezas. A presença de alguns desses compostos tem sido associada à resistência do tomate a diferentes insetos. A traça-do-tomateiro, Tuta absoluta (Meyrick, é uma das pragas mais nocivas da América do Sul. O adulto oviposita sobre as folhas do tomate e suas larvas abrem galerias no mesófilo das folhas, ramos, flores e frutos. As espécies silvestres do tomate conservam a capacidade de biossintetizar compostos químicos que lhes conferem resistência a esta praga. No presente trabalho, foi avaliada a preferência para oviposição desse inseto sobre folhas com e sem tricomas glandulares de L. esculentum (Mill. cv. Uco Plata, suscetível, e de L. hirsutum f. glabratum (Mull. PI 134417, espécie silvestre afim ao tomate, e resistente à traça. Os resultados sugerem que as fêmeas ovipositam indistintamente sobre as folhas de ambas espécies, independentemente da presença, ou não, dos tricomas glandulares. E a presença destes e de seus exsudatos não têm efeito inibidor na oviposição do inseto.In the genus Lycopersicon, different metabolites are secreted by the glandular trichomes of leaves and stems. These compounds have been associated to different tomato pests resistance. The South American tomato pinworm, Tuta absoluta (Meyrick, is one of the most harmful pests in South America. The females oviposit on tomato leaves and the larvae mine the leaf mesophyl, stems, flowers and fruits. Some wild accessions of Lycopersicon keep their capacity to synthesize allelochemicals that protect them from the pest. In this paper a comparison was made between the tomato pinworm oviposition on leaves with and without trichomes of L. esculentum (Mill. cv. Uco Plata, a susceptible cultivar, and L. hirsutum f. glabratum (Mull. PI 134417, a resistant wild accession. Results suggest that the female

  4. Dietary flavonoids and iodine Metabolism

    NARCIS (Netherlands)

    Elst, van der J.P.; Smit, J.W.A.; Romijn, H.A.; Heide, van der D.

    2003-01-01

    Flavonoids have inhibiting effects on the proliferation of cancer cells, including thyroidal ones. In the treatment of thyroid cancer the uptake of iodide is essential. Flavonoids are known to interfere with iodide organification ill vitro, and to cause goiter. The influence of flavonoids on iodine

  5. Reforma psiquiátrica e mídia: representações sociais na Folha de S. Paulo Psychiatric reform and media: social representations in the Folha de S. Paulo

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ana Lúcia Machado

    2004-06-01

    Full Text Available A imprensa do Brasil tem acompanhado o movimento da Reforma Psiquiátrica proporcionando a divulgação de conceitos e da nova linguagem adotada para descrever a doença mental e para propor uma assistência digna. O objetivo desta pesquisa é descrever as representações veiculadas pela Folha de S. Paulo acerca dessa reforma. O referencial teórico é o das representações sociais. Foram feitas consultas a CD-ROMs do jornal Folha de S. Paulo, no período de 1994 a 1999. A análise temática dos textos teve a finalidade de verificar quais as representações sociais presentes. Duas categorias surgem dicotomizadas ­ reforma da transição e reforma da manutenção. A produção de textos assim expostos desvela grupos que criam referências, recriam conceitos, mascaram ou não transformações, inovam nas propostas políticas, assistenciais, governamentais e de planejamento de estratégias de intervenção ampliadas.The Brazilian press has been closely tracking the Psychiatric Reform movement, making new concepts and the new language adopted to describe mental illness known with a view to proposing dignified care. The goal of this study is to describe information placed into circulation by Folha de S. Paulo regarding the reform. The theoretical reference is that of social representations. Folha de S. Paulo newspaper CD-ROMS containing editions from 1994 to 1999 were consulted. Theme analysis of the texts was done in order to verify present social representations. Two dichotomized categories ­ transition and maintenance reform ­ arose. The production of such texts unveils groups that create references, recreate concepts, may or may not hide transformation, innovate on political, assistance-related and governmental proposals as well as on planning broad intervention strategies.

  6. Reforma psiquiátrica e mídia: representações sociais na Folha de S. Paulo

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ana Lúcia Machado

    Full Text Available A imprensa do Brasil tem acompanhado o movimento da Reforma Psiquiátrica proporcionando a divulgação de conceitos e da nova linguagem adotada para descrever a doença mental e para propor uma assistência digna. O objetivo desta pesquisa é descrever as representações veiculadas pela Folha de S. Paulo acerca dessa reforma. O referencial teórico é o das representações sociais. Foram feitas consultas a CD-ROMs do jornal Folha de S. Paulo, no período de 1994 a 1999. A análise temática dos textos teve a finalidade de verificar quais as representações sociais presentes. Duas categorias surgem dicotomizadas reforma da transição e reforma da manutenção. A produção de textos assim expostos desvela grupos que criam referências, recriam conceitos, mascaram ou não transformações, inovam nas propostas políticas, assistenciais, governamentais e de planejamento de estratégias de intervenção ampliadas.

  7. O DISPOSITIVO JORNALÍSTICO E OS DISCURSOS TRANS: UMA ANÁLISE DA FOLHA DE SÃO PAULO

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Atílio Butturi Jr.

    2017-04-01

    Full Text Available Este trabalho tem como ojetivo problematizar a produção dos discursos sobre os discursos trans veiculados na mídia brasileira, a partir de uma análise que parte dos debates foucaultianos e das discussões de gênero e transfeminismo hodiernas. O corpus é composto de textos informativos on-line (publicados entre 1º de agosto de 2014 e 3 de outubro de 2014, da versão diária do jornal Folha de São Paulo e que versam, de maneiras distintas, sobre aspectos do discurso “trans”. A hipótese a ser defendida é a de que, não obstante os deslocamentos empreendidos pelos discursos de gênero e pelo transfeminismo, permanecem nos discursos da Folha enunciados de normalização e enunciados de naturalização na produção de textos sobre o  acontecimento trans.

  8. Flavonoids from Inula viscosa.

    Science.gov (United States)

    Grande, M; Piera, F; Cuenca, A; Torres, P; Bellido, I S

    1985-10-01

    Phytochemical study of the aerial parts of INULA VISCOSA resulted in the isolation of sixteen flavonoids. One of them, 3- O-acetylpadmatin [(2 R,3 R)-3-acetoxy-5,3',4'-trihydroxy-7-methoxyflavanone], was isolated for the first time as a natural compound. Ferulic aldehyde, 2-methylphloroacetophenone, inuviscolide and 2-deacetoxyxanthinin were also isolated.

  9. Flavonoids and thyroid disease

    NARCIS (Netherlands)

    Heide, van der D.; Kastelijn, J.; Schroder-van der Elst, J.P.

    2003-01-01

    The most potent natural plant-derived compounds that can affect thyroid function, thyroid hormone secretion and availability to tissues is the group of flavonoids, i.e. plant pigments. They are present in our daily food, such as vegetables, fruits, grains, nuts, wine, and tea. Epidemiological studie

  10. Flavonoids from Carthamus tinctorius

    Institute of Scientific and Technical Information of China (English)

    LI,Feng(李锋); HE,Zhi-Sheng(何直昇); YE,Yang(叶阳)

    2002-01-01

    Two new flavonoids, (2S)-4' ,5-dihydroxyl-6,7-di-O-β-D-glucopyranosyl flavanone (1) and 6-hydroxykaempferol 6,7-di-O-β-D-glucopyranoside (2), were isolated from Carthamus tinctorius. Their structures were elucidated by spectroscopic means including 2D NMR, ESIMS and CD.

  11. Flavonoids in Astragalus corniculatus

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ilina Krasteva

    2008-01-01

    Full Text Available Nine flavonoids were identified in aerial parts of Astragalus corniculatus Bieb. (Fabaceae by liquid chromatography coupled with ionspray mass spectrometry in the tandem mode (LC/MS/MS with negative ion detection. Vitexin, orientin and eriodictyol-7-O-glucoside are obtained for the first time in genus Astragalus L, and isorhamnetin-3-O-glucoside in the species.

  12. Flavonoids and the CNS

    DEFF Research Database (Denmark)

    Jäger, Anna Katharina; Saaby, Lasse

    2011-01-01

    , sulphatation or glucuronidation. Both the aglycones and the conjugates can pass the blood-brain barrier. In the CNS several flavones bind to the benzodiazepine site on the GABA(A)-receptor resulting in sedation, anxiolytic or anti-convulsive effects. Flavonoids of several classes are inhibitors of monoamine...

  13. Flood in Northeast: humanizing news on photo coverage at Folha de S. Paulo Enchentes no Nordeste: a humanização da notícia na cobertura fotográfica da Folha de S. Paulo

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Paulo César Boni

    2010-08-01

    Full Text Available This article analyses the photographic coverage of northeast Brazilian coast flood done by the photographic reporter Fernando Donasci and published by the newspaper Folha de S. Paulo, from May 18It aims to evaluate the photographer intentionality when capturing each image using an analytical deconstruction proposed by Boni (2000. The analytical deconstruction – identification and conceptualization of technical resources and elements of photographic language – enables the approach of communication intentionality on the photographic act. Along with the analysis, it was strongly connoted that Fernando Donasci used strong colors and appreciated the human element on the search for humanizing news.Este artigo analisa as fotografias da cobertura das enchentes no nordeste brasileiro, tomadas pelo repórter fotográfico Fernando Donasci e publicadas na Folha de S. Paulo, de 18 a 25 de maio de 2009. Seu objetivo é avaliar, por meio da desconstrução analítica, proposta por Boni (2000, qual a intencionalidade do fotógrafo ao capturar cada uma das imagens analisadas. A desconstrução analítica – identificação e conceituação dos recursos técnicos e dos elementos da linguagem fotográfica – possibilita se aproximar da intencionalidade de comunicação do emissor no ato fotográfico. Com a análise, ficou fortemente conotado que Fernando Donasci utilizou cores quentes e valorizou o elemento humano na busca pela humanização da notícia.

  14. Os atributos nas folhas são mais eficientes que o N mineral no solo para avaliar a disponibilidade desse nutriente para o milho

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Vitor Paulo Vargas

    2012-01-01

    Full Text Available Na Região Sul do Brasil, a disponibilidade de N para o milho é inferida a partir do teor de matéria orgânica do solo sem nenhuma consideração para os teores de N mineral existentes no solo ou nas folhas. O objetivo deste trabalho foi estudar a eficiência de parâmetros de solo (teores de N-NO3- e N-NH4+, e de planta (N total no tecido, clorofilas, índice relativo de clorofila, como indicadores da disponibilidade de N durante a ontogenia do milho, submetido a doses de N e épocas de aplicação da cobertura nitrogenada. O experimento foi realizado em Lages, Santa Catarina, na safra 2008/2009. Utilizou-se o delineamento experimental de blocos casualizados em parcelas subdivididas. Na parcela principal foram testadas quatro doses de N: 0, 50, 100 e 200 kg ha-1 e nas subparcelas, avaliadas duas épocas de aplicação do N em cobertura: todo o N quando o milho tinha quatro ou oito folhas expandidas, metade da dose quando o milho tinha quatro e metade quando havia oito folhas expandidas. As avaliações foram efetuadas entre o estádio de seis folhas expandidas e o espigamento. Os teores das formas de N no solo não apresentaram relação com o rendimento de grãos ou com as características de planta avaliadas em nenhum dos estádios de avaliação, sendo, portanto, inadequados para predizer a disponibilidade de N para o milho. O rendimento de grãos não esteve relacionado ao índice relativo de clorofila e ao teor de N total nas folhas na fase inicial de desenvolvimento, porém correlacionou-se com eles a partir da avaliação realizada na nona folha expandida. As características de planta foram mais adequadas do que os parâmetros de solo para predizer a disponibilidade de N ao milho e o rendimento de grãos da cultura.

  15. Seletividade alimentar e influência da idade da folha de Eucalyptus SPP. para Thyrinteina Arnobia (Lepidoptera: Geometridae Feeding selectivity and influence of leaf age of Eucalyptus SPP. for Thyrinteina Arnobia (Lepidoptera: Geometridae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Raimunda Nonata Santos Lemos

    1999-01-01

    Full Text Available Thyrinteina arnobia (Stoll, 1782 (Lepidoptera: Geometridae é considerada uma das mais sérias pragas do eucalipto no Brasil. Este trabalho foi realizado com o objetivo de estudar a preferência alimentar de T. arnobia em seis espécies de eucalipto e a influência da idade foliar sobre a seleção hospedeira, utilizando-se folhas jovens e velhas de Eucalyptus grandis, Eucalyptus camaldulensis, Eucalyptus saligna, Eucalyptus citriodora, Eucalyptus robusta e Eucalyptus cloeziana. Lagartas de T. arnobia alimentadas na geração anterior com folhas de E. grandis preferiram folhas jovens de E. grandis e E.cloeziana, enquanto as alimentadas com E. saligna, na geração anterior, preferiram folhas velhas de E. grandis. A espécie preferida por lagartas de T. arnobia foi E. grandis, observando-se, também maior preferência por folhas jovens que por folhas velhas nas espécies utilizadas nos testes.Thyrinteina arnobia (Stoll, 1782 (Lepidoptera: Geometridae is considered one of the most serious Eucalyptus pests in Brazil. This work was carried out aiming to study feeding preference of T. arnobia and the influence of leaf age on the host selection, using young and old leaves of Eucalyptus grandis, Eucalyptus camaldulensis, Eucalyptus saligna, Eucalyptus citriodora, Eucalyptus robusta e Eucalyptus cloeziana. Caterpillars fed with E. grandis leaves in previous generation, preferred young leaves of E. grandis and E. cloeziana, while caterpillars fed with E. saligna in previous generation preferred old leaves of E. grandis. The most consumed species was E. grandis, and the caterpillars preferred young leaves than old ones, for all species studied.

  16. Relações entre o potencial e a temperatura da folha de plantas de milho e sorgo submetidas a estresse hídrico = Relations between the potential and temperature of the corn and sorghum leafs submitted water stress

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Pedro Abel Vieira Júnior

    2007-10-01

    Full Text Available Para avaliar o comportamento diário do potencial hídrico em plantas de milho e de sorgo submetidas a estresse hídrico, relacionando com as temperaturas foliar e ambiente, foram cultivadas, em vasos individuais em estufa, cinco plantas de cada espécie. Até o estádio fenológico de quatro folhas, o solo nos vasos foi mantido em capacidade de campo. Entre esse estádio e até próximo ao ponto de murcha a irrigação foi suspensa e foram monitoradas diariamente atemperatura ambiente (Tam, o potencial hídrico da folhafolha e a temperatura sobre a lâmina foliar (Tfoext. Nas plantas que apresentavam enrolamento das folhas, foram registradas astemperaturas (Tfoint da face interna do limbo enrolado. Também foram calculadas as médias horárias dos Ψ folha para ambas as espécies relacionando-os com a Tfoext, a Tfoint e as diferenças entreessas temperaturas. Ambas as espécies apresentaram comportamentos semelhantes quanto ao Ψ folha e entre 13 e 15 horas verificou-se o menor Ψ folha. Apesar da significativa relação inversa entrea Tfoext e o seu Ψ folha, em milho essa relação não apresenta acurácia para emprego da Tfoext no monitoramento do status hídrico da planta e a Tfoint é inferior à Tfoext, tornando-se um mecanismoque permite à planta a manutenção de seu metabolismo.To evaluate the daily behavior of the water potential in corn and of sorghum plants submitted to water stress, relating with the leaf and ambient temperature, were cultivated, in individual pots in greenhouse, five plants of each species. The plants were kept at field capacity until they reached the stage of four leaves. Between that stadium and close to the wilting point the irrigation was suspended and were monitored daily the ambient temperature (Tam, the water potential in the leaf (Ψ folha and the temperature on the leaf sheet (Tfoext. The plants whose leaves rolled up had their internal temperature measured (Tfoint. The average time of Ψ folha was

  17. Atividade antimicrobiana dos extratos metanólicos da raiz, caule e folhas de Croton pulegioides Baill. (Zabelê

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    L.G. Arrais

    2014-01-01

    Full Text Available O uso popular de plantas medicinais continua sendo de grande interesse para a população, principalmente em países em desenvolvimento, nos quais o acesso à medicina alopática ainda é muito restrito. Assim, além de sua importância na medicina tradicional, o conhecimento das plantas pode fornecer para a indústria farmacêutica, direta ou indiretamente, princípios ativos de interesse terapêutico. No presente trabalho foi avaliada a atividade antimicrobiana dos extratos metanólicos secos de Croton pulegioides Baill. obtidos a partir da raiz, do caule e das folhas nas concentrações de 25, 50 e 100mg/mL utilizando o método de difusão em Agar (técnica de poços frente a cinco cepas Gram-positivas, três cepas de fungos e três cepas de bactérias Gram-negativas. Na execução do estudo foi utilizado o antibiótico Gentamicina (100µg/mL no teste com bactérias, e Cetoconazol (300µg/mL para as Candidas verificando-se, ao mesmo tempo, a ausência de atividade para o diluente DMSO 20% em água. Na observação dos resultados evidenciaram-se halos de inibição indicando atividade dos extratos metanólicos da raiz, caule e folhas, nas concentrações de 50 e 100mg/ml, frente Bacillus subtilis AM 04; dos extratos metanólicos da raiz e do caule, nas concentrações de 50 e 100mg/ml, frente Staphylococcus aureus AM 103 (ATCC 6538; e do extrato metanólico do caule, nas concentrações de 50 e 100mg/ml, frente S. epidermidis AM 235. Por outro lado, todos os extratos foram inativos nas concentrações avaliadas frente às bactérias Gram-negativas utilizadas no estudo (Pseudomonas aeruginosa AM 206, Escherichia coli AM 1050 e Klebsiella pneumoniae AM 410. Referente à atividade sobre fungos, os extratos metanólicos da raiz e do caule inibiram, nas três concentrações avaliadas, o crescimento de Candida tropicalis AM 1181 e C. albicans AM 1140, enquanto o extrato das folhas, inibiu o crescimento de C. tropicalis AM 1181 nas concentra

  18. Secagem de folhas Mentha piperita em leito fixo utilizando diferentes temperaturas e velocidades de ar

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Priscila Pigatto Gasparin

    Full Text Available RESUMO A espécie Mentha piperita, conhecida popularmente como hortelã pimenta além de ser uma planta medicinal, é utilizada nas indústrias farmacêutica, alimentícia e cosmética. Desta forma, o processo de secagem se faz necessário para aumentar o tempo de conservação e vida útil do produto facilitando seu transporte, manuseio e armazenamento. Para que os derivados do hortelã tenham qualidade, é necessário estudos sobre a pré e a pós-colheita. Objetivou-se neste estudo a avaliação de secagem, e para a obtenção das curvas foram utilizadas as temperaturas no intervalo de 30 a 70 ºC com variação da velocidade do ar de secagem 0,3 e 0,5 m.s-1. Para a realização da secagem das folhas, foi utilizado um secador de leito fixo em escala de laboratório, que possui um ventilador para a movimentação do ar e sistema de aquecimento. Os resultados evidenciaram que o modelo de Midili é o que melhor se ajusta aos dados experimentais. A relação do coeficiente de difusão com a temperatura de secagem pode ser descrita pela equação de Arrhenius, apresentando uma energia de ativação para velocidade 0,3 m.s-1 68,42 KJ mol-1 e para velocidade 0,5 m.s-1 78,27 KJ mol-1.

  19. Recensão de "Nos 50 anos de Árvore - Folhas de Poesia"

    OpenAIRE

    2005-01-01

    Recensão - COLÓQUIO "NOS 50 ANOS DE ÁRVORE - FOLHAS DE POESIA", Porto, 2003 - Nos 50 anos de Árvore - folhas de poesia : actas do Colóquio realizado em 16 de Maio de 2003. Porto : Universidade Fernando Pessoa, 2005. 128 p.. ISBN 972-8830-33-5

  20. Quercetin: a versatile flavonoid

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Dr. Deepak Kumar Rai

    2007-07-01

    Full Text Available Associative evidence from observational and intervention studies in human subjects shows that a diet including plant foods (particularly fruit and vegetables rich in antioxidants conveys health benefits. There is no evidence that any particular nutrient or class of bioactive substances makes a special contribution to these benefits. Flavonoids occur naturally in fruits, vegetables and beverages such as tea and wine. Quercetin is the major flavonoid which belongs to the class called flavonols. Quercetin is found in many common foods including apples, tea, onions, nuts, berries, cauliflower, cabbage and many other foods. Quercetin provides many health promoting benefits, including improvement of cardiovascular health, eye diseases, allergic disorders, arthritis, reducing risk for cancers and many more. The main aim of this review is to obtain a further understanding of the reported beneficial health effects of Quercetin, its pharmacological effects, clinical application and also to evaluate its safety.

  1. Folhas verdes, folhas secas, fibra do colmo e a clarificação do caldo de cana-de-açúcar Green leaves, dry leaves, stalk fiber and the clarification of sugarcane juice

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Roberto Bovi

    2001-09-01

    Full Text Available A presença de impurezas vegetais, como folhas verdes e secas, nos carregamentos de cana-de-açúcar entregues nas usinas de açúcar, tem preocupado os técnicos não somente por se tratar de um material sem qualquer valor tecnológico para processamento, como ainda por poder causar aumento na cor do caldo clarificado e conseqüentemente na cor do açúcar produzido, com redução de sua qualidade para o mercado; outro problema é o volume do lodo decantado nos clarificadores, cujo aumento causa maior recirculação e maior volume do caldo filtrado, com maiores perdas de sacarose e maior utilização dos filtros rotativos a vácuo. O trabalho teve como objetivo avaliar a clarificação do caldo de cana-de-açúcar com a adição de folhas verdes e folhas secas, tendo como controle a adição de fibra do colmo. Os ensaios foram delineados tendo como base a adição de quantidades das fontes fibrosas - folha verde, folha seca e fibra do colmo - para formular amostras que correspondessem a acréscimos absolutos de 0,25 , 0,50 e 0,75 ponto percentual sobre o teor de fibra do colmo da cana. Os efeitos sobre a clarificação do caldo, conduzida em clarificador de bancada em laboratório, foram avaliados pela cor do caldo clarificado e o volume de lodo decantado. Na presença de folhas verdes ocorreu uma elevação da cor do caldo clarificado e do volume de lodo decantado. Da folha verde são extraídos água e compostos que são responsáveis por alterações na composição do caldo; devido à presença de componentes não-sacarose o extrato foliar interfere na clarificação do caldo. Da folha seca também foram extraídos compostos solúveis, todavia não detectados através das análises do caldo. A fibra do colmo não afetou a clarificação.The presence of vegetal impurities in sugarcane delivered to sugarmills as green and dry leaves is a problem not only because they are non-value materials to be processed along with sugarcane stalks, but

  2. Mapeamento pedológico digital da folha Botucatu (SF-22-Z-B-VI-3: treinamento de dados em mapa tradicional e validação de campo

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cristiano Cassiano da Silva

    2013-08-01

    Full Text Available O mapeamento digital de solos permite prever padrões de ocorrência de solos com base em áreas de referência e no uso de técnicas de mineração de dados para modelar associações solo-paisagem. Os objetivos deste trabalho foram produzir um mapa pedológico digital por meio de técnicas de mineração de dados aplicadas a variáveis geomorfométricas e de geologia, com base em áreas de referência; e testar a confiabilidade desse mapa por meio de validação em campo com diferentes sistemas de amostragem. O mapeamento foi realizado na folha Botucatu (SF-22-Z-B-VI-3, utilizando-se as folhas 1:50.000, Dois Córregos e São Pedro, como áreas de referência. Variáveis descritoras do relevo e de geologia associadas às unidades de mapeamento pedológico das áreas de referência compuseram a matriz de dados de treinamento. A matriz foi analisada pelo algoritmo PART de árvore de decisão, do aplicativo Weka (Waikato Environment for Knowledge Analysis, que cria regras de classificação. Essas regras foram aplicadas aos dados geomorfométricos e geológicos da folha Botucatu, para predição de unidades de mapeamento pedológico. A validação de campo dos mapas digitais deu-se por meio de amostragem por transectos em uma unidade de mapeamento da folha São Pedro e de forma aleatório-estratificada na folha Botucatu. A avaliação da unidade de mapeamento na folha São Pedro verificou confiabilidade, respectivamente, de 83 e 66 %, para os mapas pedológicos digital e tradicional com legenda simplificada. Apesar de terem sido geradas regras para todas as unidades de mapeamento pedológico das áreas de treinamento, nem todas as unidades de mapeamento foram preditas na folha Botucatu, o que resultou das diferenças de relevo e geologia entre as áreas de treinamento e de mapeamento. A validação de campo do mapa digital da folha Botucatu verificou exatidão global de 52 %, compatível com levantamentos em nível de reconhecimento de baixa

  3. Flavonoid analysis of buckwheat sprouts.

    Science.gov (United States)

    Nam, Tae-Gyu; Lee, Sun Mi; Park, Ji-Hae; Kim, Dae-Ok; Baek, Nam-in; Eom, Seok Hyun

    2015-03-01

    It is known that common buckwheat sprouts contain several flavonoids, including orientin, isoorientin, vitexin, isovitexin, rutin, and quercetrin, whereas tartary buckwheat sprouts contain only rutin. In this study, we evaluated flavonoids present in buckwheat sprouts and identified a previously unreported flavonoid. Simultaneous detection by HPLC was used to separate rutin and a compound that was not separated in previous studies. We used a novel HPLC elution gradient method to successfully separate rutin and the previously unidentified compound, for which we performed structural analysis. The identification of six flavonoids by HPLC was confirmed using HPLC-ESI-MS/MS analysis. The newly identified compound, [M+H](+) =611.17, was identified by NMR as the rutin epimer quercetin-3-O-robinobioside. Unlike common buckwheat sprout, tartary buckwheat sprout contained rutin as a main flavonoid, whereas other flavonoids appeared only in trace amounts or were not detected. Quercetin-3-O-robinobioside was not detected in tartary buckwheat sprout.

  4. Resistência a abamectin e cartap em populações de traça-das-crucíferas

    OpenAIRE

    Castelo Branco Marina; Melo Cynthia A. de

    2002-01-01

    A suscetibilidade de populações de traça-das-crucíferas a cartap e abamectin provenientes de cinco campos de repolho, com diferentes histórias de uso de inseticidas, foi comparada através de um bioensaio em que se usou a imersão das folhas em caldas de inseticidas. Foram utilizadas seis concentrações para cada produto, mais um tratamento água como controle, com três a sete repetições. Discos de folha de repolho (2 cm de diâmetro) retirados de plantas com 35 dias de idade foram imersos nas cal...

  5. Flavonoids from Macaranga lowii

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Widiastuti Agustina

    2012-03-01

    Full Text Available new isoprenylated dihydroflavonol derivative, macalowiinin (1, together with two known flavonoids 4’-O-methyl-8-isoprenylnaringenin (2 and 4’-O-methyl-5,7,4’-trihydroxyflavone (3 (= acasetin, have been isolated from the methanol extract of the leaves of Macaranga lowii. The structures of these compounds were determined based on UV, NMR, and mass spectral data, and optical rotation. Preliminary cytotoxic evaluation of compounds 1 – 3 against P-388 cells showed that compound 3 is the most active with IC50 was 58.7 mM.

  6. Flavonoids from Symplocos racemosa

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Mila Jung

    2014-12-01

    Full Text Available A novel isoflavone glycoside, peseudobatigenin 7-O-[β-d-apiofuranosyl-(1''''→5'''-O-β-d-apiofuranosyl-(1'''→6'']-β-d-glucopyranoside, namely sympracemoside (1, was isolated from the aerial parts of Symplocos racemosa along with 15 known flavonoids (2–16. Their structures were characterized by Q-TOF mass, optical rotation, UV, 1D and 2D-NMR spectroscopic data. Compounds 3, 9, 16 showed moderate inhibitory activities against NO production with IC50 value of 88.2, 42.1 and 74.3 μM, respectively.

  7. Respostas fisiológicas de folhas de couve minimamente processadas Physiological response of kale leaves minimally processed

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marcelo Augusto G. Carnelossi

    2005-06-01

    Full Text Available Verificou-se a taxa respiratória, a produção de etileno de folhas de couve intactas e minimamente processadas, e a influência do horário de colheita, do resfriamento rápido e da temperatura de sanitização sobre a conservação do produto minimamente processado. Folhas de couve totalmente desenvolvidas foram colhidas às sete e às 14 horas, na horta da UFV, entre 1996 e 2000. O processamento foi realizado logo após a colheita e após a refrigeração (6±1ºC por 8 h. Amostras (200 g foram acondicionadas em embalagens de poliolefina multicamada, armazenadas a 5±2ºC por 15 dias e foram avaliadas quanto aos teores de vitamina C e atividade de polifenoloxidase (PPO. A taxa respiratória e produção de etileno foram determinadas em folhas intactas e minimamente processadas colocadas em bandejas plásticas e frascos de vidros hermeticamente fechados, e armazenadas durante 24 horas a 1; 5; 10 e 25ºC. A taxa respiratória e a evolução de etileno das folhas de couve inteira aumentaram imediatamente após destacamento da planta mãe. O fatiamento aumentou a taxa respiratória da folha em aproximadamente duas vezes. O aumento da temperatura influenciou significativamente (PThe respiratory rate and ethylene production were evaluated in whole and minimally processed kale leaves and, the influence of harvest time, of fast cooling and sanitization temperature on the conservation of the minimally processed product. Totally developed kale leaves were harvested at 7 and 14 o'clock in the field, during the years 1996 and 2000. Processing was carried out soon after harvest and subsequent refrigeration (6±1ºC for 8 h. Samples (200 g were conditioned in multilayer poliolefina packing, stored at 5±2ºC for 15 days and evaluate for vitamin C and polifenoloxidase (PPO activity. The respiratory rate and production of ethylene were determined in whole leaves as well as in minimally processed ones, packed in plastic trays and glass jars hermetically

  8. Estratégias jornalísticas da Igreja Universal do Reino de Deus nas eleições 2006/2008: o caso da Folha Universal

    OpenAIRE

    Behs, Micael Vier

    2015-01-01

    Esta dissertação examina as estratégias discursivas midiáticas empreendidas pela Igreja Universal do Reino de Deus (IURD), via dispositivo jornal, a fim de prover a sua inserção no campo da política. O objeto de estudo é o semanário Folha Universal, do qual é examinado um corpus de materiais jornalísticos veiculados no período das eleições de 2006 e de 2008. Estes dois momentos tornam-se emblemáticos para a análise da manifestação das estratégias midiáticas desenvolvidas pela IURD na medida e...

  9. Discussões em torno do referendo sobre o comércio de armas de fogo e munição na Folha de S. Paulo

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Lauriston de Araújo Carvalho

    Full Text Available Resumo Este artigo busca compreender os saberes veiculados pelo jornal Folha de S. Paulo a respeito do referendo das armas de fogo durante o ano de 2005. Foram realizadas buscas no site do jornal versão impressa e online via descritores: referendo; arma de fogo; munição, sendo encontradas 170 reportagens. O material foi analisado pelo software Alceste, que realiza análises de dados textuais, via classificação hierárquica descendente. Os resultados indicam a discussão do referendo organizada em dois eixos de significados da ordem da Segurança Privada x Segurança Pública, no qual temas como o controle das armas ilegais e munição são tratados em segundo plano, mostrando a necessidade do aprofundamento da discussão.

  10. Área de tecidos de folhas e caules de Axonopus scoparius (Fluggüe Kuhlm. e Axonopus fissifolius (Raddi Kuhlm

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Lima Lenir Maristela Silva

    2001-01-01

    Full Text Available O objetivo do presente trabalho foi determinar a área ocupada pelos principais tecidos presentes em folhas (lâminas e bainhas e caules de cultivares das espécies Axonopus scoparius e Axonopus fissifolius, em dois estádios de desenvolvimento. O delineamento experimental foi inteiramente casualizado com dois tratamentos (seis e vinte semanas de crescimento e cinco repetições. O tecido vascular lignificado + esclerênquima foi encontrado em maior concentração no limbo e no caule, seguidos pela quilha e bainha. Com a maturidade, houve incremento na deposição de lignina na maior parte dos tecidos estudados de A. scoparius, sendo o caule o órgão mais afetado. Isso não foi observado com os cvs. de A. fissifolius. A maior área de tecido epidérmico foi encontrada no limbo, representando mais de 20% para os cvs. de A. scoparius e cerca de 16% para os de A. fissifolius. A maior área de tecido lignificado e epidérmico, presente nas frações foliares de A. fissifolius, constitue barreiras adicionais que dificultam a digestibilidade ruminal, em relação às folhas de A. scoparius. O tecido parenquimático ocupou grandes áreas (acima de 80% do caule, principalmente no primeiro corte. Houve redução na participação desse tecido na área total do caule, acompanhada pelo incremento na área de tecido lignificado, com o envelhecimento das plantas. Foi determinado que a anatomia dos diversos órgãos das plantas não permite estabelecer diferenças mais claras entre os cultivares das espécies estudadas.

  11. Flavonoids from Lonchocarpus muehlbergianus

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Magalhães Aderbal F.

    2004-01-01

    Full Text Available The light petroleum extract from the roots of Lonchocarpus muehlbergianus Hassl contained nine flavonoids, including six new ones. These are 2,4-cis-2,4,5,8-tetramethoxy-(2,3:6,7-furanoflavan; 2,4-cis-4-hydroxy-2,5,8-trimethoxy-(2,3:6,7-furanoflavan; 2,4-cis-2-prenyloxy-4,5,8-trimethoxy-(2,3:6,7-fu-ranoflavan; 2,4-cis-2-prenyloxy-4-hydroxy-5,8-dimethoxy-(2,3:6,7-furanoflavan; 2',5',6'-trimethoxy-9-(1,1-dimethylallyoxy-[2,3:3,4]-furanochalcone; 5,6-dimethoxy-(2,3:7,8-furanoflavone, identi-fied by analysis of their spectral data (UV, IR, ¹H and 13C NMR, 2D-NMR, NOE and MS. The natural occurrence of 2,4-dioxygenated flavan derivatives is being reported for the first time. Quantitative analysis of the petrol extract, by using reversed-phase HPLC, showed that the most abundant flavonoid in the extract is 2,4-cis-2,4,5,8- tetramethoxy-(2,3:6,7-furanoflavan.

  12. Efeitos da calagem, cobalto e molibdênio sobre a concentração de clorofila nas folhas de amendoim

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    E. F. Caires

    1999-03-01

    Full Text Available Para avaliar os efeitos da calagem e da aplicação de cobalto e molibdênio nas sementes sobre a concentração de clorofila em folhas de plantas de amendoim, foram instalados experimentos, no período "das águas", nos anos agrícolas 1990/91 e 1991/92, em área de ocorrência de Latossolo Vermelho-Escuro distrófico textura média. Foram utilizadas quatro doses de calcário dolomítico calcinado: 0, 4, 6 e 8 t ha-1; dois cultivares de amendoim: "Tatu" e "Tupã", e quatro tratamentos de sementes: não tratadas, tratadas com cobalto, com molibdênio e com cobalto mais molibdênio. Verificou-se que, em condições de elevada acidez do solo, a aplicação de molibdênio nas sementes aumentou a concentração de clorofila nas folhas do amendoim, com efeito semelhante ao da calagem na ausência de molibdênio. A concentração de clorofila correlacionou-se positivamente com o teor de nitrogênio nas folhas, indicando que os efeitos da calagem e da aplicação de molibdênio sobre a concentração de clorofila foram basicamente ocasionados pela melhoria do processo de fixação simbiótica do nitrogênio por maior atividade da nitrogenase. Houve aumento linear da produção de vagens e grãos do cultivar "Tatu" com o aumento da concentração de clorofila nas folhas e, no caso do cultivar "Tupã", a máxima produção de vagens e grãos foi obtida para concentração de clorofila nas folhas de 4,6 mg dm-2.

  13. Caracterização anatômica e histoquímica de raízes e folhas de plântulas de Anacardium occidentale L. (Anacardiaceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ana Luísa Lopes Ernesto Reis

    2014-04-01

    Full Text Available Anacardium occidentale L. (Anacardiaceae é uma espécie típica do Cerrado do Brasil Central e possui valor socioeconômico. Objetivou-se caracterizar anatômica e histoquimicamente as raízes e folhas desta espécie em diferentes estádios iniciais de desenvolvimento. Para a caracterização anatômica, as amostras foram fixadas em FAA50, incluídas em parafina e submetidas aos procedimentos usuais para microscopia de campo claro. Foram realizados testes histoquímicos para detecção de lipídios totais, taninos, lignina, amido e terpenoides com grupo carbonila nas folhas, bem como teste para amido nas raízes em cortes frescos. A raiz apresenta epiderme unisseriada, floema com canais secretores e xilema tetrarco. Aos cinco dias após a germinação, a planta apresenta regiões com crescimento secundário e possui região medular na raiz, com função de armazenamento de grãos de amido. As folhas exibem epiderme unisseriada, com tricomas glandulares, cutícula espessa e estômatos paracíticos, em ambas as faces. O mesofilo é dorsiventral, e a nervura central apresenta feixes vasculares colaterais com canais secretores associados ao floema. A caracterização histoquímica da folha evidenciou lipídios totais e compostos fenólicos, entre eles taninos e lignina, em diferentes tecidos da folha. A plântula apresenta características que demonstram sua adaptação ao ambiente Cerrado, como cutícula espessa, mesofilo dorsiventral, crescimento secundário e presença de tricomas, mesmo sendo cultivada em condições de viveiro.

  14. Folha rota, de Machado de Assis: mulheres livres e pobres na ordem patriarcal

    National Research Council Canada - National Science Library

    da Conceicao Silva, Eliane

    2009-01-01

    Este artigo analisa o conto Folha rota (1878), de Machado de Assis, levando-se em conta o processo de transformacao do patriarcalismo, haja vista sua decadencia no contexto de crescente urbanizacao durante o seculo XIX...

  15. Adubação verde com crotalária consorciada ao minimilho antecedendo a couve-folha sob manejo orgânico

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    André Luiz Corrêa

    2014-12-01

    Full Text Available Este experimento foi realizado em Seropédica, RJ, com três tratamentos de cultivos para adubação verde, compostos por milho, consórcio de milho com crotalária e crotalária, em blocos ao acaso. Durante o crescimento, realizou-se a colheita de minimilho. Após o corte das plantas, os tratamentos foram combinados com duas formas de preparo do solo: plantio direto e preparo convencional, em esquema de subparcelas, com posterior plantio de couve-folha. As avaliações constaram de produção de matérias fresca e seca e acúmulo de nutrientes da parte aérea dos adubos verdes; produtividade, peso de palha e número de espigas; acúmulo de nutrientes nas espigas; comprimento, diâmetro e peso de espigas de minimilho e número de espigas por planta; produtividade, número de folhas, área foliar, matéria seca, produtividade por colheita, área específica por colheita e acúmulo de N na couve-folha, e balanço de N no sistema. O monocultivo de milho proporcionou produtividade e número de espigas de minimilho comerciais maiores (respectivamente 797,2 kg ha-1 e 123.785 un ha-1, bem como maior acúmulo de N, P, Ca e Mg nas espigas despalhadas e de N, K e Ca na palha das espigas. O consórcio proporcionou maior número de espigas por planta (0,91. A maior produção de biomassa foi proporcionada pelo consórcio de crotalária e milho (7,43 Mg ha-1. O acúmulo de nitrogênio proporcionado pelo consórcio foi superior ao do monocultivo de milho e equivalente ao do monocultivo de crotalária. Na couvefolha, houve diferença apenas na emissão de folhas (1.967.083 un ha-1, com superioridade do plantio direto.

  16. Determinação de parâmetros farmacognósticos para as folhas de Erythroxylum suberosum A. St.-Hilaire (Erythroxylaceae coletadas no município de Goiânia, GO.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    G.A. RODRIGUES

    2015-01-01

    Full Text Available RESUMO As plantas medicinais representam um dos principais recursos terapêuticos utilizado pelo homem para a cura e prevenção de doenças, no entanto, para que o tratamento seja seguro e eficaz é necessário conhecer seus componentes químicos. Dessa forma, o intuito deste trabalho foi determinar os parâmetros farmacognosticos para o estabelecimento do controle de qualidade da droga vegetal composta pelas folhas de Erythroxylum suberosum A. St.-Hil., pertencentes à família Erythroxylaceae ocorrente no Cerrado. Para tanto, foram coletadas folhas adultas nas proximidades da Universidade Federal de Goiás, Goiânia-GO. Foram determinados o teor de umidade por meio de balança com irradiação de raios infravermelho e o teor de cinzas totais. Na prospecção fitoquímica foram pesquisadas as classes de metabólitos secundários e realizou-se o doseamento de fenóis totais, flavonoides e taninos totais. Os resultados dos testes de pureza realizados, teor de umidade e teor de cinzas totais, estão de acordo com os limites estabelecidos pelas especificações farmacopeicas. As análises fitoquímicas evidenciaram a presença de flavonoides, taninos, cumarinas, saponinas e resinas. No doseamento de fenóis totais, taninos e flavonoides presentes nas folhas de E. suberosum A. St.-Hil. obteve-se respectivamente 17,97%, 6,31%, 3,87%. Estes resultados confirmam os dados da literatura quanto à presença destes compostos em Erythroxylaceae, pois de acordo com nas folhas de E. tortuosum obteve-se valores de 10%, 8,4% e 0,064% de Fenóis, Taninos e flavonoides, respectivamente e nas folhas de E. deciduum foram encontrados 12,04% de fenóis totais, 0,87% de taninos e 1,37% de flavonoides. Os resultados encontrados no presente trabalho também se tornam relevantes quando comparadas as quantidades desses metabólitos com espécies clássicas na biossíntese de compostos fenólicos como o teor de taninos de Stryphnodendron adstringens (Mart. Coville e em

  17. Flavonoids from Pseudotsuga menziesii.

    Science.gov (United States)

    Krauze-Baranowska, Mirosława; Sowiński, Paweł; Kawiak, Anna; Sparzak, Barbara

    2013-01-01

    Four O-acylated flavonol glycosides, new in the plant kingdom, were isolated from the needles of Pseudotsuga menziesii. Their structures were established by 1D and 2D NMR and MS data as: daglesioside I [kaempferol 3-O-[2",5"-O-(4''',4(IV)-dihydroxy)-beta-truxinoyl]-alpha-L-arabinofuranoside] (1), daglesioside II [kaempferol 3-O-[2",5"-O-(4"'-hydroxy)-beta-truxinoyl]-alpha-L-arabinofuranoside] (2), daglesioside III [kaempferol 3-O-[2",5"-di-O-(E)-p-coumaroyl]-alpha-L-arabinofuranoside] (3), and daglesioside IV [kaempferol 3-O-[3",6"-di-O-(E)-cinnamoyl]-beta-D-glucopyranoside] (4). In addition, the known flavonoids (E)-tiliroside, (E)-ditiliroside, astragalin (kaempferol 3-O-beta-D-glucopyranoside), isorhamnetin, kaempferol, and quercetin were identified. The cytotoxic activity of compounds 1 and 3 was evaluated towards the HL-60, HeLa, and MDA-MB468 cell lines.

  18. Utilização de diferentes métodos para análise do teor de clorofila em folhas de Cajuí (Anacardium sp. L.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    A. D. S. Gama

    2014-11-01

    Full Text Available A adaptação das plantas aos diferentes ambientes está relacionada, entre outros fatores, ao teor de clorofila, que é essencial à fotossíntese e interfere na produção vegetal. Durante o desenvolvimento, a planta apresenta índices variáveis de clorofila, dependendo do estádio fisiológico. Diferentes métodos são utilizados para quantificar esses pigmentos foliares, podendo-se citar os métodos não destrutivos e destrutivos. Dessa forma, o objetivo deste trabalho foi comparar diferentes métodos de determinação do teor de clorofila em folhas jovens e completamente expandidas de cajuí (Anacardium sp.. Para tanto, utilizou-se o clorofilômetro portátil SPAD e os reagentes acetona 80% e dimetilsulfóxido (DMSO 99,5% para extração de clorofila (a e b das folhas, determinadas por espectrofotometria.  Após análise dos dados, percebeu-se que não houve diferença estatística dos teores de clorofila entre os dois estádios foliares,  empregando-se o clorofilômetro e acetona. Entretanto, ao utilizar DMSO, verificou-se que folhas jovens apresentaram 2,7; 4,9 e 2,0 x mais clorofila a, b e total, respectivamente, comparadas às folhas completamente expandidas. Essa variação entre os métodos pode ser devido à diferente demanda metabólica e à polaridade dos solventes. Assim, conclui-se que a determinação de clorofila pelo método do DMSO é capaz de detectar diferenças na composição foliar de cajuí.

  19. Variação intraespecífica dos nutrientes em folhas de Methodorea pubescens (Rutaceae em dois tipos de mata do Distrito Federal

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marcelo Trindade Nascimento

    1990-01-01

    Full Text Available Metrodorea pubescens é uma árvore comum nas matas do Distrito Federal, ocorrendo em matas mesofíticas (solos calcáreos e matas de galeria (solos ácidos. Em cada tipo de mata foram coletadas todas as folhas de 15 indivíduos jovens, sendo cinco por classe de altura (5-50, 50-100, e 100-150 cm. As folhas foram separadas em três categorias: novas, maduras e senescentes e depois foram secas e analisados para os seguintes elementos: P, K, Ca, Mg e Al. A concentração dos nutrientes nas folhas não diferiu em relação ao tamanho dos indivíduos. Apenas o alumínio apresentou menores teores nos indivíduos de 5-50 cm. As folhas novas apresentaram maiores teores de P e K. Já o Ca, Mg, e Al foram maiores nas folhas maduras. Há um decréscimo de P da folha madura para folha senescente. As plantas do solo calcáreo apresentaram maiores teores de Ca, menores de K, e valores semelhantes de P, Mg, e Al, quando comparadas com plantas do solo ácido. As diferenças entre as populações talvez possam ser explicadas pelo solo, porém outros fatores como o comportamento fisiológico das plantas devem ser considerados. As plantas do solo ácido podem ter um comportamento calcífugo e as plantas do solo calcáreo um comportamento calcícolo.Metrodorea pubescens is an abundant tree in the forests of the Distrito Federal, occurring in mesophytic forests (on calcareous soils and in gallery forests (acidic soils. In both forest types all leaves from 15 small individuals from five individuals in each of three height classes (5-50, 50-100, 100-150 cm were collected. The leaves were separated in three categories; new, mature and senescent, and then dried and analyzed for the following elements: P, K, Ca, Mg and Al. The concetration of nutrientes in the leaves was similar in all height classes, except for al which showed lower concentration in the smallest individuals (5-50 cm. New leaves showed higher concentration of P and K. On the other hand Ca, Mg and Al

  20. Antimicrobial activity of flavonoids and steroids isolated from two Chromolaena species Atividade antimicrobiana de flavonóides e esteróides isolados de duas espécies de Chromolaena

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Silvia Helena Taleb-Contini

    2003-12-01

    Full Text Available The crude extracts (dichloromethanic and ethanolic and some compounds (8 flavonoids and 5 steroids isolated from Chromolaena squalida (leaves and stems and Chromolaena hirsuta (leaves and flowers have been evaluated against 22 strains of microorganisms including bacteria (Gram-positive and Gram-negative and yeasts. All crude extracts, flavonoids and steroids evaluated have been shown actives, mainly against Gram-positive bacteria.Os extratos diclorometânicos e etanólicos de folhas e caule de Chromolaena squalida e de folhas e flores de Chromolaena hirsuta foram avaliados quanto à atividade antimicrobiana. Oito flavonóides e cinco esteróides foram desafiados frente a 22 cepas indicadoras, incluindo bactérias (Gram-positivas e Gram-negativas e leveduras. Todos os extratos brutos, flavonóides e esteróides ensaiados mostraram atividade antimicrobiana, principalmente frente a bactérias Gram-positivas.

  1. Maturation curves and degree-days accumulation for fruits of 'Folha Murcha' orange trees Curvas de maturação e graus-dia acumulados para frutos de plantas de laranjeira 'Folha Murcha'

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Neusa Maria Colauto Stenzel

    2006-06-01

    Murcha' enxertadas em limão 'Cravo', limão 'Volcameriano', tangerina 'Sunki' e tangerina 'Cleópatra', em Paranavaí e Londrina, PR. Para os dois locais e em todos os porta-enxertos, os frutos apresentaram evolução do teor de sólidos solúveis totais (SST em relação ao acúmulo de graus-dia com ajuste de tendência quadrática da curva de regressão; a acidez titulável total (ATT com ajuste quadrático inverso e o ratio (SST/ATT regressão linear positiva. Os frutos em Paranavaí apresentaram maior índice de maturação do que em Londrina para todos os porta-enxertos, com antecipação do ponto inicial de maturação na seguinte ordem: limão 'Volcameriano' (92 dias, tangerina 'Cleópatra' (81 dias, tangerina 'Sunki' (79 dias, limão 'Cravo' (77 dias. Em Londrina, as plantas sobre os limões 'Cravo' e 'Volcameriano' apresentaram início da colheita 8 e 15 dias antes daquelas nas tangerinas 'Cleópatra' e 'Sunki', respectivamente. Em Paranavaí, o início da maturação dos frutos das plantas em limão 'Volcameriano' ocorreu 15, 19 e 28 dias mais precoce que o limão 'Cravo', tangerina 'Cleópatra' e tangerina 'Sunki', respectivamente. A soma térmica para o crescimento e maturação dos frutos de laranja 'Folha Murcha' variou de 4.462 a 5.090 GDA.

  2. Eficiência do tratamento de sementes com o fungicida triadimenol na intensidade da ferrugem da folha do trigo

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Erlei Melo Reis

    2011-09-01

    Full Text Available A ferrugem da folha é uma das principais doenças do trigo. Os prejuízos causados variam em função da área cultivada com cultivar suscetível, das raças fisiológicas do patógeno e das condições climáticas. Em cultivares suscetíveis a melhor opção de controle disponível tem sido através do uso de fungicidas aplicados via tratamento de sementes. O objetivo deste trabalho foi verificar a eficiência desta tecnologia após 29 anos de uso no Brasil. O experimento foi conduzido no campo com dois cultivares de trigo, Pampeano e Ônix, no ano agrícola de 2009, com infecção natural da ferrugem. No tratamento de sementes utilizou-se o fungicida triadimenol (15% SC em três doses da formulação comercial (135, 270, 540 mL/100 Kg de sementes. A infecção foi natural e avaliou-se semanalmente a incidência foliar da ferrugem. Os dados foram submetidos à análise da variância, de regressão e calculada a área abaixo da curva de progresso da incidência da doença. Verificou-se que não houve diferença significativa entre doses do fungicida e a intensidade da doença no tratamento testemunha, no entanto, houve diferença quanto à intensidade da ferrugem entre os dois cultivares.

  3. Atividade de extrato aquoso de folhas de nim (Azadirachta indica sobre Spodoptera frugiperda Activity of neem tree (Azadirachta indica leaves aqueous extract on Spodoptera frugiperda

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Hélio Teixeira Prates

    2003-03-01

    Full Text Available A lagarta-do-cartucho do milho (Spodoptera frugiperda (J. E. Smith tem sido controlada com inseticidas sintéticos. Uma das caracteristicas do nim (Azadirachta indica A. Juss é sua atividade inseticida contra pragas, como sucedâneo aos sintéticos. O objetivo deste trabalho foi avaliar a atividade inseticida do extrato aquoso das folhas do nim sobre a lagarta-do-cartucho do milho, em laboratório. Bioensaios com diferentes concentrações de extrato em dieta artificial, tendo o inseticida chlorpyrifos como testemunha, revelaram, 15 dias após infestação com larvas, eficiência equivalente entre as concen- trações 3,60 a 10,00 mg mL-1. A análise de Probit mostrou CL50 = 2,67 mg mL-1; o extrato aquoso das folhas de nim apresenta, portanto, efeito inseticida sobre a lagarta-do-cartucho do milho.The fall armyworm (Spodoptera frugiperda (J. E. Smith has been controlled with synthetic insecticides bringing risk to the environment. Neem (Azadirachta indica A. Juss is reported to be a natural alternative to synthetic insecticides against many insect species. The objective of this work was to evaluate the activity of neem leaves aqueous extract on fall armyworm, in laboratory. Bioassays carried out using artificial feed with various extract concentrations, and chlorpyrifos as control, indicated, 15 days after larvae infestation, similar efficiency in concentrations from 3.60 to 10.00 mg mL-1. Probit analysis showed LC50 = 2.67 mg mL-1. Hence, aqueous extract from neem leaves are active against fall armyworm.

  4. Antiartherosclerotic Effects of Plant Flavonoids

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Shamala Salvamani

    2014-01-01

    Full Text Available Atherosclerosis is the process of hardening and narrowing the arteries. Atherosclerosis is generally associated with cardiovascular diseases such as strokes, heart attacks, and peripheral vascular diseases. Since the usage of the synthetic drug, statins, leads to various side effects, the plants flavonoids with antiartherosclerotic activity gained much attention and were proven to reduce the risk of atherosclerosis in vitro and in vivo based on different animal models. The flavonoids compounds also exhibit lipid lowering effects and anti-inflammatory and antiatherogenic properties. The future development of flavonoids-based drugs is believed to provide significant effects on atherosclerosis and its related diseases. This paper discusses the antiatherosclerotic effects of selected plant flavonoids such as quercetin, kaempferol, myricetin, rutin, naringenin, catechin, fisetin, and gossypetin.

  5. Flavonoid intake and eye health.

    Science.gov (United States)

    Milbury, Paul E

    2012-01-01

    In the modern era of evidence-based scientific medicine, there is little recognition of centuries of shaman observational evidence. Yet it is extremely difficult to conduct long duration controlled studies of large populations. The controversy surrounding the issue of flavonoid bioactivity and alleged benefits for eye health is also plagued by natural product industry marketing efforts that rely on small, often poorly designed studies. Ample laboratory evidence exists from in vitro and in vivo studies that provide plausible mechanistic evidence for flavonoid interactions relevant to visual function. Lacking are large randomized double-blind placebo-controlled studies in older subjects who have early signs of vision impairment. These studies could link flavonoid intake and bioavailability to efficacy in prevention of age related vision disorders that develop over decades. Support for clinical trials remains to be found before a full "recommendation" can be made regarding the value of diets high in flavonoids for eye health.

  6. Flavonoids, Inflammation and Immune System

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Francisco J. Pérez-Cano

    2016-10-01

    Full Text Available Flavonoids, including around 6000 phenolic compounds, are products of the secondary metabolism of plants which can be a part of one’s diet via the consumption of many edible plants.[...

  7. Biodisponibilidade do beta-caroteno da folha desidratada de mandioca (Manihot esculenta Crantz Bioavailability of beta-carotene in dehydrated cassava leaves (manihot esculenta Crantz

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Claudia Isabel Ortega-Flores

    2003-12-01

    Full Text Available Com o objetivo de verificar a biodisponibilidade do beta-caroteno da folha de mandioca (Manihot esculenta Crantz foi realizado um ensaio biológico baseado no modelo de esgotamento das reservas hepáticas de vitamina A em ratos. Um grupo de ratos depletados de vitamina A hepática recebeu folha desidratada de mandioca como fonte beta-caroteno durante 25 dias, e foram comparados com um grupo que recebeu ração com vitamina A, outro grupo com ração sem vitamina A e um último grupo com beta-caroteno. O grupo Zero foi constituído de 8 animais que receberam durante 15 dias ração à base de caseína, deficiente de vitamina A. Ao final do experimento todos os animais foram sacrificados e seus fígados e plasmas analisados por Cromatografia Líquida de Alta Eficiência (CLAE, sendo verificado que a biodisponibilidade do beta-caroteno da folha desidratada de mandioca foi baixa.The biological availability of beta-carotene in cassava leaves (Manihot esculenta Crantz, was verified by means of an assay based on the hepatic depletion of vitamin A reserves model in rats. Rats depleted of hepatic vitamin A received dehydrated cassava leaves as beta-carotene source for 25 days and were compared to groups that received diets with vitamin A, beta-carotene and without vitamin A. The Zero group was formed of 8 animals that received a diet based on casein, lacking vitamin A, during 15 days. At the end of the experiment, all animals were killed and their livers, serum and feces were analyzed by high performance liquid chromatography (HPLC, and it was verified that the bioavailability of beta-carotene of dehydrated cassava leaves was lower.

  8. Flavonoids from Teucrium fruticans L.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Wanda Kisiel

    2014-01-01

    Full Text Available From aerial parts of Teucrium fncticans L. three flavonoids were isolated and identified as 5-hydroxy-6, 7, 3', 4'-tetramethoxyflavone, 5, 4'-dihydroxy-6, 7, 3'-trimethoxyflavone (cirsilineol and 5, 4'-dihydroxy-6, 7-dimethoxyflavone (cirsimaritin. The former compound was found to be a predominant flavone aglycone constituent of the plant material. This is the first report on the isolation of flavonoids from the plant.

  9. AVALIAÇÃO DAS PROPRIEDADES ANTIOXIDANTES E SUSCEPTIBILIDADE ANTIMICROBIANA DE Pereskia grandifolia HAWORTH (CACTACEAE)

    OpenAIRE

    Turra, Andersson Franklin; Marçal, Flaviano João Basílio; Baretta, Irinéia Paulina; Takemura, Orlando Seiko; Jr, Antonio Laverde

    2008-01-01

    A espécie Pereskia grandifolia Haworth (Cactaceae), conhecida popularmente como ora-pro-nóbis, foi avaliada quanto àssuas propriedades antioxidantes e susceptibilidade antimicrobiana. As propriedades antioxidantes foram avaliadas pelo método de inibiçãodo radical livre 2,2-difenil-1-picrilidrazil (DPPH•). Os extratos das folhas de P. grandifolia (1000 ìg/mL) apresentaram propriedadesantioxidantes entre 10 e 30% de inibição. D...

  10. Grape flavonoids and menopausal health.

    Science.gov (United States)

    Huntley, A L

    2007-12-01

    Grape flavonoids are members of a larger group of plant compounds called polyphenols. Epidemiological evidence relating to the traditional Mediterranean diet, which is high in polyphenols, derived from vegetables and red wine, suggests that dietary polyphenols are of benefit to health and reduce the incidence of cardiovascular disease. Overall, the evidence is promising for the benefit of grape flavonoids in the form of red wine, red grape juice and related preparations for cardiovascular risk factors. There are data to suggest a reduction in platelet activation, inflammation and low-density lipoprotein oxidation, and improvement of endothelial function with grape flavonoids. The evidence for grape flavonoids and renal function, cognition and cancer is less clear. However, it is important to note that much of this research has been carried out in animal and cell models; relatively little work has been done in humans and specifically on the health of menopausal women. There are no general safety concerns with ingestion of grape products. Obviously, consumption of red wine should be within recommended limits and it should be noted that grape juice has high sugar content. Grape flavonoids are also available as a supplement. In conclusion, it is likely that grape flavonoids do benefit the menopausal women. Further research is needed on the mode and dosage of application to maximize these benefits.

  11. Repartição de nutrientes nas flores, folhas e ramos da laranjeira cultivar Natal Repartition of nutrients in citrus flowers, leaves and branches

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Eurípedes Malavolta

    2006-12-01

    Full Text Available As plantas cítricas produzem elevado número de flores, porém pequena porcentagem chega a fruto maduro. A fixação é influenciada por diversos fatores, com destaque para os nutricionais orgânicos e minerais. O objetivo do trabalho foi verificar a repartição de macro e micronutrientes nas flores, folhas e ramos de laranjeira e a contribuição nutricional das flores para os demais órgãos. Plantas de Citrus sinensis L., cultivar Natal sobre porta-enxerto de limoeiro cravo de 10 anos de idade, provenientes de pomar comercial, foram amostradas por ocasião do fluxo primaveril e separadas em flores, folhas e ramos. As flores representam dreno tanto para compostos orgânicos quanto para macro e micronutrientes. Sua massa seca na antese se iguala às das folhas e é maior que a dos ramos. A maior proporção de Ca, Mg e de Ni das três partes encontram-se nas flores de onde, possivelmente, passam em parte para o fruto em desenvolvimento. Sugere-se que aplicações foliares de cálcio, magnésio e níquel, em condições de deficiência, poderiam aumentar a produção através do seu efeito no florescimento.Citrus plants produce a number of flowers, but just a few of them however, become mature fruits. Many factors, as well as organic and inorganic nutrients, influence prebloom and flowers setting. The objective of this work was to evaluate the repartition of macro and micronutrients in citrus flowers, leaves and branches. Branches of "Natal" sweet orange (Citrus sinensis L. grafted on Rangpur lime rootstock were collected and separated in flowers, leaves and wood during anthesis. Orange flowers represent a drain for organic compounds and macro and micronutrients as well. Their dry matter on anthesis is equal to that of leaves and higher than that of the branches. The highest proportion of Ca, Mg and Ni of the three parts is found in the flowers where possibly migrate in part, into the developing fruits. It is thought that leaf sprays of

  12. Influence of leaf and base lesion of herbaceous cutting in the guava rooting of the selection 8501-9 / Influência de folhas e lesões na base de estacas herbáceas no enraizamento de goiabeira da seleção 8501-9

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Sérgio Ruffo Roberto

    2010-07-01

    Full Text Available With the objective of evaluate the potential of rooting of the selection of guava tree 8501-9 were using herbaceous cutting with 10-12 cm of length in two make of the prepared (simple cut without lesions and cambium exposition, and three suppression intensity of the leaves (without leaves, with half leaves and intact leaves. The experimental design was completely randomized with five repetitions in factorial arrangement 2 x 3, with ten cutting for parcel. After the preparation with IBA the cutting had been placed to rooting in plastic box (44 x 30 x 7 cm with carbonized rice hulls, in camera of nebulization. After 78 days, evaluated the leaf retention, survive of the cutting, the number of cutting roots and of roots, the length and fresh and dry mass of the roots. The interaction between lesions and presence of leaves was not significant, indicating like this factors act in independent form in relation the study factors. The leaves suppression resulted in cutting death. The cambium exposition not proportion vantage on root cutting herbaceous. For the gotten results it was observed that the interaction between lesion and leaf presence was not significant, indicating that these factors act of independent form in relation to the evaluated parameters. Cutting with base lesion presented addition of only 10% of foliar retention and percentage of roots cutting. Cutting with a pair of leaves had been superior to the parameters of the mass fresh and dry of root in relation to the cutting with half leaves, and the cutting without leaves not presented formation of roots being presence of leaves fundamental to roots promotion.Com o objetivo de avaliar o potencial de enraizamento da seleção 8501-9 de goiabeira utilizou-se estacas herbáceas com 10-12 cm de comprimento em duas formas de preparo (corte simples sem lesão e exposição do câmbio e três intensidades de supressão das folhas (sem folhas, com folhas cortadas ao meio e folhas intactas. O

  13. Fitodefensivos em plantas medicinais: macromoléculas hidrofílicas de folhas de mil folhas (Achillea millefolium L. inibem o crescimento in vitro de bactérias fitopatogênicas Agrochemicals in medicinal plants: hydrophilic macromolecules from leaves of "mil folhas" (Achillea millefolium L. inhibit in vitro growth of phytopathogenic bacteria

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    N.G. Tessarollo

    2013-01-01

    Full Text Available Extratos aquosos da planta medicinal Achillea millefolium contêm macromoléculas de interesse para desenvolver fitodefensivos para a agricultura. Duas frações de mil folhas foram obtidas por ultrafiltração, E1 (contendo moléculas maiores que 30 kDa, e E3 (peptídeos entre 1 e 10 kDa que inibiram o crescimento das bactérias fitopatogênicas Ralstonia solanacearum, gram-negativa, e Clavibacter michiganensis subsp. michiganensis, gram-positiva, com dependência de concentração. Os valores de concentração inibitória mínima (CIM para ambos os extratos e bactérias foram baixos, entre 20 e 80µM. A CIM relativa à proteína total evidenciou a presença de macromoléculas muito ativas em E3, embora com baixa concentração proteica. E3 se aplica à prospecção de peptídeos antimicrobianos. Estimar a CIM relativa à quantidade de amostra vegetal valorizou o potencial antimicrobiano natural de E1, que contém alta concentração proteica. E1e E3 se aplicam ao desenvolvimento de fitodefensivos para uso biotecnológico. A ultrafiltração fracionou as amostras de forma nativa, rápida, e com baixo custo; além de dessalinizar, clarificar, purificar, e concentrar E1 e E3. Esse estudo inédito sobre a separômica e a ação antimicrobiana de extratos macromoleculares aquosos de mil folhas sugere que plantas cicatrizantes podem apresentar grande potencial para desenvolver fitodefensivos agrícolas naturais não danosos, à semelhança de medicamentos fitoterápicos.Aqueous extracts from the medicinal plant Achillea millefolium contain macromolecules of interest to develop agrochemicals for agriculture. Two fractions of "mil folhas" were obtained by ultrafiltration, E1 (containing molecules larger than 30 kDa and E3 (peptides between 1 and 10 kDa, which inhibited the growth of phytopathogenic bacteria Ralstonia solanacearum, gram-negative, and Clavibacter michiganensis subsp. michiganensis, gram-positive, concentration-dependent. The values of

  14. Aspectos morfológicos de folhas na diferenciação de variedades de carambola Morphological aspects of leaves in differentiation of varieties of star fruit

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Renata Aparecida de Andrade

    2007-08-01

    Full Text Available Em certas espécies vegetais, a distinção entre variedades pode ser realizada com base em aspectos morfológicos das folhas, o que permite a diferenciação mesmo quando não apresentam flores e/ou frutos. O presente trabalho foi realizado objetivando a distinção entre variedades de caramboleira (Averrhoa carambola L. através de aspectos foliares. Foram avaliadas quatro variedades de caramboleira: Arkin, B-10, Golden Star e Hart, com quatro repetições de 10 folhas cada. Pelos resultados obtidos no presente trabalho, conclui-se que há diferenças morfológicas foliares entre as variedades de caramboleira, permitindo a sua distinção, especialmente em condições de viveiro.In some vegetable species, the distinction among varieties can be done based on morphological aspects of the leaves that allow the differentiation even when they do not have flowers and/or fruits. The aim of this work was to differentiate the varieties of star fruit (Averrhoa carambola L. by foliar aspects. It was evaluated four varieties of star fruit: Arkin, B-10, Golden Star and Hart, with four replications containing 10 leaves in each one. The results obtained showed that exist morphological foliar differences among the varieties of star fruit, being permitted the distinction, especially in nursery conditions.

  15. Estudo sobre o controle da brotação das gemas epifilas em Bryophyllum Calycinum

    OpenAIRE

    Simone Montedioca.

    1996-01-01

    Resumo: Estudando os fatores que controlam a brotação das gemas epifilas em Bryophyllum calycinum, pode-se verificar que fatores endógenos a planta é que estariam controlando o processo de brotação. Foi verificado que, com a remoção dos ápices e das gemas laterais ou do floema em duplo anelamento ocorre a liberação das gemas epifilas. Também em folhas destacadas observa-se a brotação das gemas epifilas. Dos hormônios testados, as auxinas se mostraram efetivas em inibir a brotação das gemas ...

  16. Resistência a abamectin e cartap em populações de traça-das-crucíferas Susceptibility to cartap and abamectin in Diamondback Moth strains

    OpenAIRE

    Marina Castelo Branco; Melo,Cynthia A. de

    2002-01-01

    A suscetibilidade de populações de traça-das-crucíferas a cartap e abamectin provenientes de cinco campos de repolho, com diferentes histórias de uso de inseticidas, foi comparada através de um bioensaio em que se usou a imersão das folhas em caldas de inseticidas. Foram utilizadas seis concentrações para cada produto, mais um tratamento água como controle, com três a sete repetições. Discos de folha de repolho (2 cm de diâmetro) retirados de plantas com 35 dias de idade foram imersos nas cal...

  17. Caracterização anatômica e química de folhas de Jacaranda puberula (Bignoniaceae presente na Mata Atlântica Anatomical and chemical characterization of Jacaranda puberula (Bignoniaceae leaves present in Mata Atlântica

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria Bernadete Gonçalves Martins

    2008-12-01

    Full Text Available A espécie Jacaranda puberula (Bignoniaceae é conhecida popularmente como "carobinha" sendo utilizada na medicina popular em comunidades tradicionais. O objetivo deste trabalho foi realizar a caracterização anatômica e química das folhas de J. puberula. Para a análise anatômica utilizou-se a microscopia de luz e microscopia eletrônica de varredura (MEV. Para a análise química utilizou-se a Cromatografia Líquida de Alta Eficiência (CLAE. O mesofilo é dorsiventral, a epiderme unisseriada com cutícula espessa, tricomas glandulares do tipo peltado e tricomas tectores em ambas as faces da epiderme, parênquima clorofiliano com duas a três camadas de células paliçádicas e quatro a cinco camadas de células formando o parênquima lacunoso, de tamanho pequeno, com muitos espaços intercelulares, hipoestomática com nervura pinada. Os estudos através de MEV evidenciaram a epiderme recoberta com cera epicuticular e glândulas peltadas com maior incidência na epiderme da face abaxial, constituídas por oitos células secretoras apicais. A análise cromatográfica do extrato etanólico evidenciou a presença de fitoquinóides e flavonóides.Jacaranda puberula is popularly known as "carobinha" and is used in medical practices of many folk communities. The objective of this work was the anatomical and chemical characterization of Jacaranda puberula (Bignoniaceae leaves. The anatomical analysis was carried through light microscopy and scanning electron microscopy (SEM. For the chemical analysis it was used High Perfomance Liquid Chromatografy (HPLC. Cross and paradermic sections of leaf showed the presence of uniseriate epidermal cells covered by a thick cuticle layer. There are peltate gland trichomes of multicellular type and no gland trichomes (tectores. It was observed that the faces of mesophyll are distinctly. Two to three layers of palisades cells form chlorophylian parenchyma and lacunary parenchyma is formed of four to five layers

  18. Produção de frutos de laranjeira pêra e teores de nutrientes nas folhas e no solo, em Latossolo Vermelho-Escuro do Noroeste do Paraná

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    J. Fidalski

    1999-06-01

    Full Text Available A cobertura vegetal das entrelinhas dos pomares cítricos é uma prática necessária nos solos arenosos originários da formação geológica do arenito Caiuá do Paraná. O estudo foi realizado em um experimento de laranjeira pêra sobre o porta-enxerto limão-cravo instalado no campo em 1993, no município de Alto Paraná, em um Latossolo Vermelho-Escuro, onde estavam sendo avaliados seis diferentes sistemas de manejo do solo das entrelinhas do pomar. Na safra agrícola de 1995/96, foram coletadas amostras de folha e solo nas entrelinhas e faixas de adubação nas camadas de 0-20 e 20-40 cm e avaliados a produção e o número de frutos. A produção e o número de frutos correlacionaram-se, positivamente, com as características químicas do solo Ca, Mg, pH e V das entrelinhas do pomar e, negativamente, com Al e H + Al. Os teores foliares de Ca correlacionaram-se, positivamente, com a produção e o número de frutos. O nível crítico de Ca nas folhas foi de 29,72 g kg-1.

  19. Artigo revisão: colagem de folhas cerâmicas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Hotza Dachamir

    1997-01-01

    Full Text Available A colagem de folhas cerâmicas (tape casting é uma técnica de fabricação de peças cerâmicas de espessura fina e grande área superficial, usadas principalmente na indústria eletrônica como substratos de circuitos e capacitores de multicamadas. O processo consiste essencialmente na formação de uma barbotina e na colagem desta por meio de uma lâmina niveladora sobre uma superfície, geralmente móvel. Depois da secagem, é produzida uma folha flexível e resistente que pode então ser sinterizada. Neste artigo de revisão, são discutidos alguns conceitos teóricos envolvidos na formulação da barbotina, bem como aspectos tecnológicos do processo de colagem de folhas cerâmicas.

  20. Caracterização anatômica de folha, colmo e rizoma de Digitaria insularis Anatomical characterization of the leaf, stem and rhizome of Digitaria insularis

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    A.F.L. Machado

    2008-03-01

    Full Text Available A anatomia da folha, de colmo e do rizoma de Digitaria insularis foi investigada, visando identificar características que possam estar relacionadas à sua tolerância ao glyphosate. Sementes e rizomas de plantas adultas foram coletadas em campo, em área de plantio direto, onde o herbicida glyphosate vem sendo utilizado repetidamente há vários anos. As plantas provenientes dessas sementes e desses rizomas foram cultivadas em vasos com capacidade de 3 L, contendo solo de textura média, em casa de vegetação. Quando as plantas atingiram o estádio fenológico de pré-florescimento, foram coletadas três folhas totalmente expandidas por planta, entre o terceiro e o quinto nó. Simultaneamente, coletaram-se fragmentos dos rizomas e os entrenós recobertos pelas bainhas das folhas amostradas. As amostras foram fixadas em FAA50 e estocadas em etanol, para obtenção de cortes histológicos e montagem das lâminas, conforme metodologia usual. Para obtenção do índice estomático e da densidade estomática nas superfícies da epiderme, amostras das folhas foram diafanizadas, conforme método utilizado usualmente. Verificou-se que plantas provenientes de rizomas apresentavam maior índice estomático e maior número de estômatos por mm², maior espessura na epiderme das faces adaxial e abaxial e maior espessura da lâmina foliar. Foi observada coloração intensa nos rizomas submetidos ao Lugol, indicando presença de grande quantidade de amido, independentemente da origem do material.The anatomy of the leaf, stem and rhizome of Digitaria insularis was studied, evaluating characteristics that could be related to its tolerance to glyphosate. Seeds and rhizomes of adult plants were collected in the field, area of no-till system, where the herbicide glyphosate had been repeatedly used for several years. The plants derived from these seeds and rhizomes were cultivated in 0.003 m³ vases, containing soil, under a greenhouse conditions. When the plants

  1. Dilma Rousseff como candidata à presidência: estratégias midiáticas de Zero Hora (RS) e Folha de São Paulo (SP)

    OpenAIRE

    Tramontini, Mariana Bastian

    2013-01-01

    O trabalho aqui apresentado analisa o papel dos jornais Zero Hora (RS) e Folha de São Paulo (SP) na construção de Dilma Rousseff como candidata à Presidência do Brasil. Partimos da hipótese de que a condição atual, de ascensão das minorias, favorece a candidatura de uma mulher. Além disso, acreditamos que alguns episódios ocorridos neste período contribuíram com a humanização da candidata, como o diagnóstico de um câncer e o fato de se tornar avó. A presente tese surgiu de uma pesquisa explor...

  2. Mudanças no consumo e na distribuição de alimentos : o caso da distribuição de hortaliças de folhas na cidade de são Paulo

    OpenAIRE

    Rubens Antonio Mandetta de Souza

    2005-01-01

    Resumo:Este trabalho de dissertação consiste de um estudo sobre as mudanças no consumo e na distribuição de alimentos, e particularmente, na distribuição de hortaliças de folhas na região metropolitana de São Paulo. As pesquisas foram desenvolvidas entre janeiro e agosto de 2003, quando foram entrevistados profissionais das grandes redes de supermercados (entrevistas pessoais); do setor supermercadista em geral ? lojas grandes, médias e pequenas (entrevistas por telefone); profissionais dos s...

  3. Aplicação de extratos de folhas e tubérbulos de Cyperus rotundus L. e de auxinas sintéticas na estaquia caulinar de Duranta repens L.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    F.P.F. Rezende

    2013-01-01

    Full Text Available É de conhecimento popular que extratos de tiririca aumentam o enraizamento adventício de várias espécies, sendo esse procedimento utilizado na propagação vegetativa caseira. Uma vez que nesses extratos concentram grandes quantidades de auxinas e compostos fenólicos, o objetivo deste estudo pioneiro foi avaliar o efeito da aplicação de extratos de folhas e de tubérculos de Cyperus rotundus L. na estaquia caulinar de Duranta repens L., espécie considerada de fácil enraizamento, comparando sua ação à de auxinas sintéticas. As estacas foram coletadas em abril, junho, agosto, outubro e dezembro/2006 e fevereiro/2007 e confeccionadas com 8 cm de comprimento, com base cortada em bisel e corte reto acima da última gema, mantendo-se 4 folhas apicais. Os tratamentos foram: água e solução alcoólica 50% como controles; extrato de folhas e de tubérculos de C. rotundus (25%, 50% e 100%; solução de ANA e AIB (500 e 1000 mg L-1, com imersão da base das estacas durante 10 segundos. As estacas foram mantidas sob nebulização, em tubetes contendo vermiculita, por 45 dias. Foram avaliadas a porcentagem de estacas enraizadas, número de raízes por estaca, comprimento das três maiores raízes por estaca (cm e a porcentagem de estacas vivas. Estacas coletadas nos meses de outubro e dezembro/2006 apresentaram as maiores porcentagens de enraizamento (87,3% e 86,7%, respectivamente e maior número de raízes por estacas (9,5 e 10,4 raízes, respectivamente. O comprimento máximo das 3 maiores raízes (10,2 cm foi obtido em estacas coletadas em dezembro/2006 e a maior taxa de sobrevivência (60% foi registrada na coleta de junho/2006 em estacas tratadas com 500 e 1000 mg L-1 de AIB. A aplicação dos extratos de folhas e de tubérculos de C. rotundus não apresentou diferença entre os resultados obtidos com a aplicação de ANA e AIB, os quais, por sua vez, também não influenciaram o enraizamento de estacas de D. repens em nenhuma das

  4. Allelopathic potential of Sapindus saponaria L. leaves in the control of weeds=Potencial alelopático de folhas de Sapindus saponaria L. no controle de plantas daninhas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Denise Garcia Santana

    2012-01-01

    Full Text Available The objective of this work was to evaluate the allelopathic potential of aqueous extracts of young and mature leaves from Sapindus saponaria on diaspore germination and seedling growth of barnyardgrass (Echinochloa crus-galli and morningglory (Ipomoea grandifolia. The aqueous extract was prepared in a proportion of 100 g of dried, ground leaves dissolved in 1000 mL of distilled water, resulting in a 10% extract concentrate. Dilutions of this concentrate were made with distilled water to 7.5, 5.0 and 2.5%. In seedling growth tests, we compared the effect of these extracts with the herbicide nicosulfuron. Both extracts of mature and young leaves caused delays and reductions in diaspore germination and seedling length of barnyardgrass and morningglory, with the most intense effects observed at a concentration of 10%. The effects of the young leaf extract were more similar to those observed with the herbicide, demonstrating that leaf maturation stage of S. saponaria affects its inhibitory effects on the growth of other plants and that this species is effective in controlling weeds.O objetivo deste trabalho foi avaliar o potencial alelopático do extrato aquoso de folhas jovens e maduras de Sapindus saponaria (sabão-de-soldado na germinação de diásporos e no crescimento de plântulas de capim-arroz (Echinochloa crus-galli e corda-de-viola (Ipomoea grandifolia. O extrato aquoso foi preparado na proporção de 100 g de folhas secas e trituradas dissolvidas em 1000 mL de água destilada, produzindo-se o extrato considerado concentrado (10%. A partir deste, foram feitas diluições em água destilada para 7,5; 5,0 e 2,5%. No teste de crescimento de plântulas comparou-se o efeito desses extratos com o herbicida nicosulfuron. Os extratos de folhas maduras e jovens causaram atraso e redução na germinação dos diásporos e no comprimento das plântulas de capim-arroz e corda-de-viola, com efeitos mais intensos na concentração de 10%. No entanto, os

  5. Distribution of flavonoids in the Myristicaceae.

    Science.gov (United States)

    Valderrama, J C

    2000-11-01

    During the past two decades the study of the Myristicaceae species has increased, and many flavonoids of different types have been isolated. This review discusses the flavonoids presently known in the Myristicaceae.

  6. Flavonoids from Lysidice rhodostegia Hance

    Institute of Scientific and Technical Information of China (English)

    Song GAO; Guang-Miao FU; Li-Hua FAN; Shi-Shan YU; De-Quan YU

    2005-01-01

    A novel flavonoid named mopanolchin (1), together with seven known flavonoids, was isolated by various chromatographic techniques and spectroscopic methods from the EtOAc extract of the roots of Lysidice rhodostegia Hance. The structure of the new compound was elucidated as 1"-(4-hydroxy-3, 5-dimethoxy)phenyl-2"-hydroxymethyl-dioxino [4', 5',1", 2"]mopanol (1) on the basis of spectral analysis.The known compounds were identified as (-)-epicatechin-3-O-gallate (2), epicatechin (3), naringenin (4),eriodictyol (5), luteolin (6), 7, 3', 4'-trihydroxyflavone (7) and (-)-robinetinidol (8).

  7. Poisoning by carnauba (Copernicia prunifera, Palmae leaves in ruminants Intoxicação pelas folhas de carnaúba, Copernicia prunifera (Palmae em ruminantes

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Benito Soto-Blanco

    2008-07-01

    Full Text Available

    The use of leaves of Prunifera Copernicia (Arecaceae as exclusive food of bovines was associated by the death of 40 of the 146 animals during a period of 2 months of consumption. The leaves of this plant had been supplied experimentally for two goats that died with 31 and 56 days the beginning of the ingestion. Clinical manifestations consisted in increased feces consistence, weakness, recumbence and death. The main pathological findings had been epithelial tubular degeneration and necrosis in the kidneys and hepatic centrolobular coagulative necrosis associated with congestion and hemorrhage. This work relates the mortality of bovines to the leaf consumption of Copernicia prunifera and characterizes it the experimental poisoning for this plant in goat.

     

    KEY WORDS: Cattle, Copernicia prunifera, goats, poisonous plants.

    Apontou-se a utilização das folhas de Copernicia prunifera (Arecaceae como alimento exclusivo para bovinos como responsável pela morte de 40 dos 146 animais durante um período de dois meses de consumo. Administraram-se as folhas dessa planta experimentalmente para dois caprinos que morreram com 31 e 56 dias após o início da ingestão. Clinicamente a doença foi caracterizada por aumento de consistência das fezes, fraqueza, decúbito e morte. As principais alterações patológicas foram degeneração e necrose do epitélio tubular renal e necrose hepatocelular centrolobular associada com congestão e hemorragia. Este trabalho relaciona a mortalidade de bovinos ao consumo de folhas de Copernicia prunifera e caracteriza a intoxicação experimental por esta planta em caprinos.

     

    PALAVRAS-CHAVES: Bovinos, Copernicia prunifera, carnaúba, caprinos, plantas tóxicas

  8. Validação de metodologias analíticas para quantificação de quercetina e canferol em extratos hidrolisados de folhas de rubus erythrocladus, rubus idaeus e morus nigra e screening antifúngico destes extratos

    OpenAIRE

    Luciana Ruschel Tallini

    2014-01-01

    Neste trabalho utilizou-se a cromatografia líquida de alta eficiência (CLAE) e a eletroforese capilar (EC) como ferramentas analíticas para avaliação de flavonoides em extratos hidrolisados de folhas de Rubus e de Morus. Os extratos foram preparados por hidrólise ácida em ultrassom e analisados por CLAE-DAD e EC-DAD. Os métodos elaborados foram validados e aplicados. Quercetina e canferol foram identificados nestes extratos por CLAE-DAD, EC-DAD e CLUE-DAD/EM. Em Rubus erythrocladus quantifico...

  9. Anatomia comparada de folhas de pimenta longa (Piper hispidinervum C. DC. e pimenta de macaco (Piper aduncum L. cultivadas in vitro, ex vitro e in vivo

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Simone Alencar Maciel

    2014-07-01

    Full Text Available http://dx.doi.org/10.5007/2175-7925.2014v27n4p11 Piper hispidinervum e Piper aduncum apresentam compostos metabólitos secundários como safrol e dilapiol de interesse comercial em seus óleos essenciais. O trabalho teve como objetivo comparar aspectos anatômicos, relacionados a respostas fisiológicas das folhas de P. hispidinervum e P. aduncum propagadas in vitro, in vivo e durante a aclimatização. Secções paradérmicas e transversais da lâmina foliar do cultivo in vitro, ex vitro e in vivo, feitas à mão-livre foram realizadas para a medição das estruturas anatômicas em microscópio de luz. A espessura da epiderme e hipoderme de P. hispidinervum e P. aduncum sofrem alterações na transição de cultivo in vitro para o ex vitro. Os tecidos do mesofilo e a abertura do poro estomático de ambas as espécies são influenciados pelo ambiente in vitro. Diferentes ambientes de cultivo promovem a plasticidade das estruturas celulares da lâmina foliar e fundamentam o sucesso da micropropagação de ambas as espécies.

  10. More Flavor for Flavonoid-Based Interventions?

    Science.gov (United States)

    Kaakoush, Nadeem O; Morris, Margaret J

    2017-04-01

    Poor diets are associated with obesity and a decline in cognitive function. Flavonoids are plant compounds that have been associated with improved metabolic parameters in obesity and reversal of cognitive decline. Given that microbial flavonoid conversion is important for bioactivity, flavonoid-derived neuroactive compounds may be functionally crucial in the gut microbiome-brain axis. Copyright © 2017 Elsevier Ltd. All rights reserved.

  11. Modification of flavonoid biosynthesis in crop plants

    NARCIS (Netherlands)

    Schijlen, E.G.W.M.; Vos, de C.H.; Tunen, van A.J.; Bovy, A.G.

    2004-01-01

    Flavonoids comprise the most common group of polyphenolic plant secondary metabolites. In plants, flavonoids play an important role in biological processes. Beside their function as pigments in flowers and fruits, to attract pollinators and seed dispersers, flavonoids are involved in UV-scavenging,

  12. Modification of flavonoid biosynthesis in crop plants

    NARCIS (Netherlands)

    Schijlen, E.G.W.M.; Vos, de C.H.; Tunen, van A.J.; Bovy, A.G.

    2004-01-01

    Flavonoids comprise the most common group of polyphenolic plant secondary metabolites. In plants, flavonoids play an important role in biological processes. Beside their function as pigments in flowers and fruits, to attract pollinators and seed dispersers, flavonoids are involved in UV-scavenging,

  13. EXTRATO AQUOSO DE FOLHAS DE Azadirachta indica A. Juss NO CONTROLE DE Sitophilus zeamais Mots. (COLEOPTERA: CURCULIONIDAE EM MILHO ARMAZENADO

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marcelo Toller Borsonaro

    2013-05-01

    Full Text Available The present work had as objective to test different dosages of aqueous extract of leaves of neem(Azadirachta indica as natural alternative and of easy application in the control of Sitophilus zeamais in grains of corn, seeing it is one of main stored corn pests. Were evaluated the following concentrations: 10%, 20%, 30% and witness. They were applied directly on the mass of grains and the insects with a pressurized pulverizer model Guarany PCP-1P in the dosage of 0,56 mL for dish. The treatments did not present significant difference as the reduction of weight of grains, but there was significant difference in relation to the population control. As for this parameter, the aqueous extract of leaves of neem in concentration 30,3%, can be considered an alternative treatment against S. zeamais in stored corn grains.O presente trabalho teve como objetivo testar diferentes dosagens de extrato aquoso de folhas de Nim (Azadirachta indica A Juss como alternativa natural e de fácil aplicação no controle de Sitophilus zeamais Mots.(Coleoptera: Curculionidae em grãos de milho (Zea mays L., visto que esta é uma das principais pragas do milhoarmazenado. Avaliaram-se as seguintes concentrações: 10%, 20%, 30,3%, além do tratamento testemunha. Foram aplicados diretamente sobre a massa de grãos e sobre os insetos com um pulverizador pressurizado modelo Guarany PCP-1P na dosagem de 0,56 mL por placa. Os tratamentos não apresentaram diferença significativa quanto à redução de peso de grãos, mas houve diferença significativa em relação ao controle populacional. Quanto a este parâmetro, o extrato aquoso de folhas de Nim na concentração 30,3%, pode ser considerado um tratamento alternativo no controle de S. zeamais em grãos de milho armazenado.

  14. Allelopathic potential of bark and leaves of Esenbeckia leiocarpa Engl. (Rutaceae Potencial alelopático de folhas e cascas de Esenbeckia leiocarpa Engl. (Rutaceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Flaviana Maluf Souza

    2010-03-01

    Full Text Available We investigated the inhibitory potential of aqueous extracts of bark and leaves of Esenbeckia leiocarpa Engl. on lettuce germination and early seedling growth. We compared the effects of four concentrations (100, 75, 50 and 25% of each extract to water and polyethylene glycol (PEG 6000 solution controls for four replicates of 50 seeds for germination and four replicates of ten seedlings for seedling growth. The inhibitory effects of E. leiocarpa extracts on the percentage of germination and on the germination speed seemed to be more than simply an osmotic effect, except for the percentage of seeds germinated in bark extracts. When compared to water control, both bark and leaf extracts delayed germination, and leaf extracts also affected the percentage of germinated seeds. Leaf extracts of all concentrations strongly inhibited the development of seedlings and caused them some degree of abnormality; bark extracts also caused abnormalities and reduced seedling growth. Root development was more sensitive to the extracts than hypocotyl growth. The negative effects of leaf extracts on germination and seedling growth were more pronounced than those of bark extracts, and the overall effects of both extracts were positively correlated with extract concentrations.Neste trabalho, nós investigamos o potencial inibitório de extratos aquosos de folhas e cascas de Esenbeckia leiocarpa Engl. na germinação e no crescimento inicial de plântulas de alface. Nós comparamos os efeitos de quarto concentrações (100, 75, 50 e 25% de cada extrato a um controle em água e outro em uma solução de polietilenoglicol (PEG 6000, com quatro repetições de 50 sementes para o experimento de germinação e quatro repetições de 10 plântulas para o experimento de crescimento. Os efeitos inibitórios dos extratos de E. leiocarpa na porcentagem e na velocidade de germinação foram mais do que um efeito do potencial osmótico das soluções, exceto para a porcentagem de

  15. Eventos do processo de infecção de Colletotrichum gloeosporioides inoculados em folhas de Coffea arabica L

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Josimar Batista Ferreira

    2009-12-01

    Full Text Available O presente trabalho teve por objetivo obter informações sobre os eventos de pré-penetração, penetração e colonização de isolados de C. gloeosporioides, obtidos de mangueira e cafeeiro, quando inoculados em folhas de cafeeiros (Coffea arabica L. da cultivar Catucaí Vermelho. As folhas foram selecionadas, padronizadas e lavadas, demarcando-se áreas circulares de 0,5 cm de diâmetro na face abaxial, inoculando-se uma alíquota de 20 µL da suspensão de conídios. Utilizou-se um isolado obtido de mangueira e dois isolados obtidos de cafeeiro com mancha manteigosa. Realizaram-se avaliações com 3, 6, 8, 12, 24, 36, 48, 72, 96, 144 e 240 horas após a inoculação (hai. Todos os materiais foram processados e observados em microscópico eletrônico de varredura. Os conídios de todos os isolados aderiram freqüentemente nas depressões das células da epiderme e células-guarda dos estômatos, formando septo antes da germinação. A penetração, na maior parte, se deu por via direta e algumas vezes por estômatos. Isolados de cafeeiro germinaram em folhas de 6 a 8 hai, produzindo apressórios 12 hai e acérvulos de 96 a 144 hai. O isolado de mangueira germinou de 6 a 8 hai com formação de apressório de 8 a 12 hai e produziu novos conídios diretamente em hifas conidiogênicas. Não foi observada a formação acérvulos para este isolado.The present study was carried out with the objective to provide information on the pre-penetration, penetration and colonization events of isolates of Colletotrichum gloeosporioides from mango and coffee, when inoculated in coffee leaves. The cultivar Catucaí Vermelho was used in all experiments. Coffee leaves were selected, standardized and washed in sterile water. After that, circular areas of 0.5 cm in diameter were marked on the undersurface of the leaves. In the center of each circular area, 20 µL of spore suspension was deposited. One isolate from mango and two from coffee presenting blister

  16. Qualidade de folhas e rendimento de óleo essencial em hortelã pimenta (Mentha x Piperita L. submetida ao processo de secagem em secador de leito fixo

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    P.P. Gasparin

    2014-01-01

    Full Text Available O uso de plantas medicinais e seus derivados para o tratamento de doenças é uma prática antiga e se percebe, atualmente, uma crescente procura por produtos naturais, incluindo medicamentos, produtos alimentícios, e cosméticos. Hortelã pimenta (Mentha x Piperita L, além de ser uma planta medicinal, pode ser utilizada para obtenção de aromatizantes, infusões, e temperos. O processo de secagem se faz necessário para aumentar o tempo de conservação e a vida útil do produto facilitando seu transporte, manuseio, e armazenamento. Para que os produtos derivados da hortelã pimenta tenham qualidade é necessário estudos sobre o processo de pré e de pós-colheita. Objetivou-se neste estudo identificar a temperatura de secagem, em duas velocidades de ar circulante, que minimize a degradação da cor das folhas e permita obter maior rendimento de óleo essencial. Folhas da hortelã foram colhidas manualmente no horário entre 7:15 e 8:00, e submetidas a secagem em duas velocidades do ar (0,3 e 0,5 m.s-1 e em cinco temperaturas (30, 40, 50, 60 e 70 °C. O material seco foi analisado quanto à cor utilizando-se colorímetro com escala do sistema CIELab baseado em coloração dentro dos padrões da Norma DIN 6174 (1979. A quantificação do óleo essencial foi realizada por hidrodestilação em aparelho Clevenger. Observou-se que temperaturas superiores a 50 °C reduzem o rendimento. A cor das folhas submetidas à secagem diferencia-se da cor das folhas frescas. De acordo com a Norma DIN 6174, a cor das folhas submetidas a secagem com temperatura até 40 °C são "Facilmente distinguíveis" e para as folhas submetidas à secagem a temperaturas superior a 50 °C, a diferenciação é "Muito grande". Conclui-se que para obter o máximo de rendimento do óleo essencial e o mínimo de degradação da cor, a secagem deve ser realizada a temperatura de até 50 ºC. A velocidade do ar de secagem, na faixa de 0,3 a 0,5 m.s-1, não afetou os par

  17. Constituintes químicos voláteis das flores e folhas do pau-brasil (Caesalpinia echinata, Lam.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rezende Claudia M.

    2004-01-01

    Full Text Available The volatile constituents obtained from a static cryogenic headspace of Caesalpinia echinata Lam. (Leguminosae showed E-beta-ocimene as the major compound (57.2%, beside other monoterpenes, C6 derivatives like n-hexanal and (E-2-hexenal and nitrogen compounds such as indole and methyl anthranilate. From the essential oil of the leaves obtained by hydrodistillation in a Clevenger apparatus, (E-3-hexen-1-ol was identified as the major constituent while phenolic compounds were the most representative class of secondary metabolites.

  18. PÓ DE FOLHAS SECAS E VERDES DE NIM SOBRE A QUALIDADE DAS SEMENTES DE FEIJÃO CAUPI

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Damiana Cleuma de Medeiros

    2007-01-01

    Full Text Available With objective to study the effect of the powder of neem (Azadirachta indica L. dryness and green leaves on the quality of cowpea (Vigna unguiculata L. Walp. seeds, was installed an experiment in the technology of seeds laboratory of the ESAM-RN. Was utilized seeds drip-gold cultured originated of Sierra of honey municipality, submitted four doses (0,25; 050; 0,75; 1,0g by fifty seeds of powder of neem dryness and green leaves. The experiment was in completely randomized design with eight replications in a factorial arrangement 2 x 4 + 1. The values were submitted variance analyses and compared through tukey test with 1% probability used SISVAR program. NPDL and NPGL caused no toxic effect to seedlings as evaluated through first count of emergenced seedlings, germination rate and dry matter loss in seedlings.

  19. Chemical constituents of leaves from Riedeliella graciliflora Harms (Leguminosae); Constituintes quimicos das folhas de Riedeliella graciliflora Harms (Leguminosae)

    Energy Technology Data Exchange (ETDEWEB)

    Miranda, Mayker Lazaro Dantas; Souza, Alex Fonseca; Rodrigues, Edilene Delphino; Garcez, Fernanda Rodrigues; Garcez, Walmir Silva, E-mail: walmir.garcez@ufms.br [Universidade Federal de Mato Grosso do Sul, Campo Grande, MS (Brazil). Dept. de Quimica; Abot, Alfredo [Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul (UEMGS), Aquidauana, MS (Brazil). Unidade Universitaria de Aquidauana

    2012-07-01

    A new salicylic acid derivative, pentacosanyl salicylate, was isolated from the leaves of the plant toxic to cattle, Riedeliella graciliflora, in addition to a digalactosyldiacylglycerol (DGDG), 1,2-di-O-{alpha}-linolenoy1-3-O-{alpha}-D-galactopyranosy1 -(1{yields}6)-{beta}-D-galactopyranosyl-glycerol, kaempferol-3-O-{beta}-D-glucopyranoside, kaempferol-3-O-{alpha}-L-rhamnopyranoside, quercetin-3-O-{alpha}-L-rhamnopyranoside, rutin, (+)-catechin and the dimer (+)-catechin-(4{beta}-8)-catechin, glutinol, squalene, {beta}-sitosterol, stigmasterol, phytol, {beta}-carotene, a-tocopherol and ficaprenol-12. Their structures were determined using spectral techniques (MS, IR, and NMR-1D and 2D) and based on literature data. (author)

  20. Indução de alterações morfológicas e anatômicas em folhas de abacaxizeiro 'Pérola' pelo ácido 2-(3-clorofenoxi propiônico

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Barbosa Nathália Maria Laranjeira

    2003-01-01

    Full Text Available Em estudo que visou controlar a floração natural do abacaxizeiro 'Pérola' com fitorreguladores, nas plantas pulverizadas com 50 e 100 mg L-1 (3 aplicações do ácido 2-(3-clorofenoxi propiônico (ACP, foram observadas alterações internas e externas nas folhas. O limbo foliar apresentou ligeiro estrangulamento na porção mediana das folhas 'E' e 'F' e próximo ao ponto de inserção no caule nas C' e 'D'. A cerca de 5-10 cm desse ponto surgiram estruturas similares a calos, que originaram raízes adventícias. A roseta central das plantas apresentou-se torcida, com as folhas mais curtas e largas. Cortes anatômicos permitiram observar, sob microscópio óptico (40X, que as raízes adventícias foram formadas a partir de meristemas nos feixes vasculares (xilema e floema, e que a estrutura anatômica foliar nos pontos de estrangulamento do limbo não foi alterada. Parênquima assimilador formou-se no córtex dessas raízes adventícias, indicando a realização de fotossíntese nesse tecido. A localização das raízes adventícias nas folhas correspondeu às áreas de provável acúmulo do produto pulverizado sobre as plantas. Os efeitos causados pelo ACP neste trabalho sugerem o seu uso em estudos relacionados à indução de enraizamento na propagação vegetativa (convencional e micropropagação e na formação de calos "in vitro". E servem, também, para orientar novos estudos sobre a inibição da floração natural e seu uso prático, a fim de se evitar danos às plantas.

  1. Caracterização de concentrado protéico de folhas de mandioca obtido por precipitação com calor e ácido Characterization of cassava leaf protein concentrate obtained by heat and acid precipitation

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cláudia de Fátima Modesti

    2007-09-01

    Full Text Available As folhas de mandioca apresentam um teor elevado de proteínas, todavia sua digestibilidade é baixa. A produção de concentrado protéico de folhas de mandioca (CPFM permite a utilização das proteínas das folhas com um reduzido teor de fibras e melhor qualidade protéica. Neste trabalho, analisaram-se características químicas de CPFM obtidos por diferentes formas de precipitação, com calor e com ácido. Os CPFM praticamente não apresentaram diferenças na composição centesimal. O nível de proteína dos CPFM aumentou 57,72% em comparação ao da farinha de folhas de mandioca (FFM. Os rendimentos de extração das proteínas também foram semelhantes para os CPFM. O teor de Fe dos CPFM foi mais elevado quando comparado com o da FFM. A FFM apresentou absorção de água e de óleo mais elevada que os CPFM, mas, entre os tipos de CPFM, os resultados foram semelhantes. A mínima solubilidade de nitrogênio da FFM e dos CPFM foi observada em pH entre 3 e 5. Verificou-se que a FFM apresentou uma capacidade de formação e estabilidade de espuma mais elevada que os CPFM. Tanto a FFM quanto os CPFM não apresentaram boa estabilidade de emulsão.Cassava leaves have a high content of protein of low digestibility. The production of cassava leaf protein concentrate (CLPC enables cassava leaf protein to be used with a reduced fiber content and better protein quality. This work involved an investigation of the chemical characteristics of CLPC produced by different forms of precipitation, using heat and acid. No significant differences were found in the centesimal composition of the CLPC. The protein content in CLPC was 57.72% higher than in cassava leaf flour (CLF. Both types of CLPC precipitation also yielded similar protein concentrations. The CLPC Fe content was higher than that of the CLF. The CLF presented higher water and oil absorption than did CLPC, although the CLPC extracted by the two methods showed similar results. The lowest nitrogen

  2. Cinética de secagem de folhas de timbó (Serjania marginata Casar

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Elton A. S. Martins

    2015-03-01

    Full Text Available Propôs-se, neste trabalho, avaliar a cinética de secagem de folhas de timbó (Serjania marginata Casar e ajustar diferentes modelos matemáticos aos valores experimentais de razão de umidade. As folhas de timbó foram colhidas com teor de água inicial de 2,03 ± 0,10 decimal b.s., sendo submetidas à secagem sob condições controladas de temperatura (40, 50, 60 e 70 ºC, até o teor de água de 0,08 ± 0,02 decimal b.s. Aos dados experimentais foram ajustados dez modelos matemáticos utilizados para representação da secagem de produtos agrícolas. Com base nos resultados obtidos o modelo matemático de Midilli é o que melhor representa a cinética de secagem para as folhas de timbó. O aumento da temperatura promove: uma taxa maior de remoção de água nas folhas de timbó durante a secagem; aumento do coeficiente de difusão efetivo sendo que esta relação pode ser descrita pela equação de Arrhenius que apresenta uma energia de ativação para a difusão líquida durante a secagem de 81,39 kJ mol-1 para as folhas de timbó; aumento da energia livre de Gibbs, enquanto a entalpia e a entropia decrescem.

  3. Distribution of the endophytic fungi community in leaves of Bauhinia brevipes (Fabaceae Distribuição da comunidade de fungos endofíticos em folhas de Bauhinia brevipes (Fabaceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Mariana Patrícia Amorim Hilarino

    2011-12-01

    em folhas não expandidas, nove em folhas recentemente expandidas e 17 foram encontradas apenas em folhas maduras. A composição endofítica variou de acordo com as regiões foliares; a similaridade (índice de Jaccard entre as regiões das folhas de diferentes estágios variou de 0,36 a 0,46, indicando uma alta variação espacial da comunidade de fungos endofíticos dentro da folha. A alta riqueza de endofíticos neste hospedeiro demonstra uma significante contribuição dos fungos para a biodiversidade tropical e a necessidade de pesquisas futuras nesta área.

  4. Folha diagnótica para avaliação do estado nutricional do feijoeiro Diagnostic leaf for evaluation of the nutritional status of bean

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Henrique A. de Souza

    2011-12-01

    Full Text Available O feijoeiro é uma planta exigente em nutrientes, seja devido ao pequeno e pouco profundo sistema radicular, seja devido ao ciclo curto. Partindo de um trabalho com doses de calcário e boro, realizaram-se correlações entre dois tipos de folha (+1 e +3 do feijoeiro, com os teores dos elementos presentes nas plantas e na produção, objetivando-se estabelecer a folha mais adequada para a diagnose foliar. O experimento foi desenvolvido em condições de casa de vegetação empregando-se sementes de feijoeiro cv. BRS Talismá. As doses de calcário empregadas considerando-se a saturação por bases igual a 70%, foram calculadas como: zero de calcário, metade da dose padrão, dose para elevar V = 70% (padrão, uma vez e meia a dose e duas vezes a dose padrão enquanto para o boro as quantidades aplicadas foram: zero; 0,6; 1,2; 1,8 e 2,4 mg de B dm-3. Realizaram-se, no momento do florescimento, a coleta das folhas diagnóticas +1 e +3 (folhas amadurecidas a partir do ápice; a coleta de uma planta (parte aérea por vaso e a mensuração da produção. Através de correlações constataram-se, para os nutrientes alvo do estudo, cálcio, magnésio e boro em que a folha +3 apresentou maiores coeficientes de correlação com os teores na planta e com os dados de produção.The bean is a nutrient demanding plant, either due to the small and shallow root system or due to the short cycle. A study with doses of lime and boron was conducted and correlations were made between two types of leaf (+1 and +3 of the bean with the contents of these elements in plants and production, aiming to establish the most appropriate leaf for diagnosis of nutritional status. The experiment was conducted in greenhouse conditions employing bean seeds cv. BRS Talismá. Lime rates considering the saturation of bases (70%, were calculated as zero, half the standard dose, dose to increase V = 70% (default, one and a half and twice the standard dose, while the boron amounts used

  5. Root system distribution of rootstocks under ‘Folha Murcha’ orange plant scion in subtropical climateDistribuição do sistema radicular de porta-enxertos sob laranjeira ‘Folha Murcha’ em clima subtropical

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Neusa Maria Colauto Stenzel

    2012-06-01

    Full Text Available The aim was to study the distribution of the root system of Rangpur lime (Citrus limonia Osbeck, Rough lemon (Citrus jambluri Lush., Cleopatra mandarin (Citrus reshni Hort ex Tan. and Trifoliata (Poncirus trifoliata (L. Ralf., under ‘Folha Murcha’ orange plant scion in subtropical climate, using the auger method. The samples were taken parallel to the line of planting (row 0.5; 1.0; 1.5 and 2.0 m away from the trunk and perpendicular to the line of planting (inter-row 0.5; 1.0; 1.5; 2.0; 2.5; 3.0 and 3.5 m away from the trunk. These samples were stratified into 0 – 0.1; 0.1 – 0.2; 0.2 – 0.4; 0.4 – 0.6 m deep. Dry mass, effective depth and effective distance of the root system of plants were determined. Randomized blocks design was used with four treatments and four replications, with one plant for each plot. Cleopatra mandarin plants had the highest total mass of roots 2.0; 2.5 and 3.0 m away from the trunck in inter-row, and in superficial layers of the following sampling sites: 0.5 and 1.0 m away from the trunk towards row and 1.5 e 2.0 m away from the trunck towards inter-row. Rough lemon plants showed greater effective depth of the roots in the rows than the other rootstocks.Objetivou-se estudar a distribuição do sistema radicular dos limoeiros ‘Cravo’ (Citrus limonia Osbeck e ‘Rugoso da África’ (Citrus jambluri Lush., tangerineira ‘Cleópatra’ (Citrus reshni Hort ex Tan. e ‘Trifoliata’ (Poncirus trifoliata (L. Ralf., sob a laranjeira ‘Folha Murcha’ em clima subtropical. As amostragens foram realizadas, pelo método do trado, paralelamente à linha de plantio (entre plantas a 0,5; 1,0; 1,5 e 2,0 m de distância do tronco e perpendicularmente à linha de plantio (entrelinhas a 0,5; 1,0; 1,5; 2,0; 2,5; 3,0 e 3,5 m de distância do tronco. Essas amostras foram estratificadas em 0 – 0,1; 0,1 – 0,2; 0,2 – 0,4; 0,4 – 0,6 m de profundidade. Foram determinadas: massa seca, profundidade e dist

  6. Flavonoides de Lonchocarpus campestris (Leguminosae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Andreza Maria L. Pires

    2011-01-01

    Full Text Available A new flavone named 3,4',5,6-tetramethoxy-[2'',3'':7,8]furanoflavone besides the known flavonoids (2S,3R,4S-3,4,5,8-tetramethoxy-[2'',3'':6,7]-furanoflavan, 3,6-dimethoxy-2'',2''-dimethylcromene-[2'',3'':7,8] -flavone, 3,5,6-trimethoxy-[2'',3'':7,8]-furanoflavone, 2,4',4,5-tetramethoxy-[2'',3'':6,7]-furanodihydroaurone, (2R,3S,4S-3,4,5,6-tetramethoxy-[2'',3'':7,8]-furanoflavan and 3',4'-methylenodioxy-5,6-dimethoxy-[2'',3'':7,8]-furanoflavone were isolated from the root barks of Lonchocarpus campestris. The complete ¹H and 13C NMR assignments of the new furan flavonoid was performed using 1D and 2D pulse sequences, including COSY, HMQC and HMBC experiments.

  7. Desenvolvimento vegetativo e reprodutivo de cultivares de trigo e sua associação com a emissão de folhas Vegetative and reproductive development of wheat cultivars and its association with leaf appearance

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Lidiane Cristine Walter

    2009-11-01

    Full Text Available O objetivo deste estudo foi determinar a relação da duração das fases vegetativa, reprodutiva e total do ciclo de desenvolvimento com o número final de folhas e com a velocidade de aparecimento de folhas no colmo principal, em cultivares brasileiras de trigo, variando-se a data de semeadura. Um experimento de campo foi realizado em Santa Maria, Rio Grande do Sul (RS, com 13 datas de semeadura ao longo de três anos (2005, 2006 e 2007. Foram utilizados seis genótipos de trigo com ciclos de desenvolvimento variando de precoce a tardio: 'BRS LOURO', 'CEP 52', 'BRS 177', 'CEP 51', 'NOVA ERA' e 'BRS TARUMÃ'. Para cada cultivar e data de semeadura, foi determinada a duração, em °C dia, das fases vegetativa (emergência - antese e reprodutiva (antese - maturidade fisiológica e do ciclo total (emergência - maturidade fisiológica, o número final de folhas e o filocrono (tempo para aparecimento de duas folhas sucessivas no colmo principal e a relação entre essas variáveis por meio de análise de regressão. Os resultados indicam que a duração do ciclo total das cultivares de trigo tem relação direta com a duração da fase vegetativa e não com a fase reprodutiva, a qual foi similar entre as cultivares, e que a duração da fase vegetativa tem relação direta com o número final de folhas e não com a velocidade de aparecimento dessas folhas no colmo principal.The objective of this study was to determine the relationship between the duration of vegetative, reproductive and total developmental cycle with the main stem final leaf number and with the main stem leaf appearance rate in Brazilian wheat cultivars, varying the sowing date. A field experiment was carried out in Santa Maria, RS, in 13 sowing dates during three years (2005, 2006 and 2007. Six wheat genotypes with developmental cycle varying from early to late were used: BRS LOURO, CEP 52, BRS 177, CEP 51, NOVA ERA, and BRS TARUMÃ. For each cultivar and sowing date, the

  8. Propagação de oliveira 'Koroneiki' pelo método de estaquia em diferentes épocas, concentrações de AIB e presença de folhas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Gener Augusto Penso

    2016-06-01

    Full Text Available RESUMO Objetivou-se, com este trabalho, avaliar as influências da época, da concentração de AIB e da presença de folhas na propagação por estaquia da oliveira 'Koroneiki'. Estacas de 10 cm de comprimento foram retiradas da porção mediana de ramos de plantas de três anos de idade, na Universidade Tecnológica Federal do Paraná, entre junho de 2013 e março de 2014. O experimento foi conduzido no delineamento inteiramente ao acaso, com quatro repetições de dez estacas, sendo um fatorial triplo [épocas (junho, setembro, dezembro, março; número de pares de folhas (0, 1 e 2 e concentração de AIB (0, 1.000, 2.000 e 3.000 mg L-1]. O tratamento com AIB consistiu na imersão rápida da base da estaca, por cinco segundos, seguida do plantio em tubetes com substrato comercial. Após, as estacas permaneceram em câmara úmida, sob nebulização, por 60 dias. Decorrido este período, mensuraram-se a sobrevivência (%, a formação de calos (%, o número de brotos por estaca e o enraizamento (%. Para maiores sobrevivência, formação de calo e enraizamento é necessária a manutenção de, pelo menos, um par de folhas nas estacas. A estaquia em dezembro não é recomendada, independentemente das técnicas auxiliares utilizadas. Sem a utilização de AIB, recomenda-se realizar a estaquia em junho e setembro, desde que mantido um par de folhas. Para a estaquia realizada em março, deve-se manter pelo menos um par de folhas, em combinação com doses de 2.000 ou 3.000 mg L-1 de AIB.

  9. Intoxicação experimental com as folhas de Jatropha gossypifolia (Euphorbiaceae em ovinos Experimental poisoning by the leaves of Jatropha gossypifolia (Euphorbiaceae in sheep

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Laura I. Oliveira

    2008-06-01

    Full Text Available As folhas recém-colhidas de Jatropha gossypifolia (Euphorbiaceae foram letais para ovinos em administrações únicas de 40g/kg. A dose de 5g/kg não causou sintomas de intoxicação; as doses intermediárias provocaram a morte de parte dos animais. A evolução da intoxicação foi de 6 a 22 dias. O quadro clínico-patológico nos ovinos experimentais era caracterizado por perturbações digestivas, pulmonares, cardíacas e ainda alterações regressivas leves somente evidenciadas através de exames histológicos, hepáticas e renais. Esses achados são semelhantes aos observados em experimentos com as sementes de Jatropha curcas em caprinos, ovinos e bezerros, e com os com os frutos e as folhas de Jatropha glauca e Jatropha aceroides em caprinos, realizados por outros autores. Estas comparações indicam que, independentemente das espécies, as folhas de Jatropha spp. devem conter compostos semelhantes aos encontrados nas sementes.Fresh green leaves of Jatropha gossypifolia (Euphorbiaceae were lethal for sheep in single administrations of 40g/kg. The dose of 5g/kg did not cause poisoning, but intermediate doses caused death in part of the animals. The clinical course of poisoning was 6 to 22 days. The clinic and pathological picture in the experimental sheep was characterized by digestive, lung and heart disturbances, and also by slight microscopic liver and renal regressive alterations. These findings are similar to those observed in experiments with the seeds of Jatropha curcas in goats, sheep and calves, and with the fruits and leaves of Jatropha glauca and Jatropha aceroides in goats, performed by other authors. A comparison indicates that, independently of the plant species, the leaves of Jatropha spp. contain toxic compounds similar to those found in the seeds.

  10. Atividade antibacteriana de extrato hidro-alcoólico de folhas de jambolão (Syzygium cumini (L. Skells

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Vargas Agueda Castagna de

    2005-01-01

    Full Text Available A atividade antimicrobiana de plantas medicinais tem sido pesquisada em diversas espécies, tanto no Brasil quanto em outros países. O objetivo deste trabalho foi o de avaliar a existência de efeito antibacteriano de extrato hidro-alcoólico a 10% (m/v de folhas de jambolão. Utilizaram-se 17 isolados bacterianos, Gram positivos e Gram negativos. A ação antibacteriana foi avaliada através da inoculação de placas de ágar Mueller Hinton, com um inóculo bacteriano de 1x10(6 ufc mL-1, onde se colocaram quatro discos de papel; o primeiro de antimicrobiano comercial e os demais embebidos em 25mL do extrato, de solução salina ou de etanol. As placas foram incubadas a 37degreesC por 24 horas, sendo posteriormente realizada a leitura do diâmetro dos halos de inibição. O extrato inibiu o crescimento de 100% das bactérias testadas e os isolados Gram positivos apresentaram um halo médio de 19,5mm, enquanto o dos Gram negativos foi de 18,8mm. Não houve inibição significativa de crescimento nos tratamentos com salina e etanol. Conforme os resultados deste estudo, o extrato testado apresenta atividade antibacteriana frente às amostras testadas, sem diferença de sensibilidade entre microrganismos Gram positivos e Gram negativos.

  11. Artigo revisão: colagem de folhas cerâmicas Review article: tape casting

    OpenAIRE

    Dachamir Hotza

    1997-01-01

    A colagem de folhas cerâmicas (tape casting) é uma técnica de fabricação de peças cerâmicas de espessura fina e grande área superficial, usadas principalmente na indústria eletrônica como substratos de circuitos e capacitores de multicamadas. O processo consiste essencialmente na formação de uma barbotina e na colagem desta por meio de uma lâmina niveladora sobre uma superfície, geralmente móvel. Depois da secagem, é produzida uma folha flexível e resistente que pode então ser sinterizada. Ne...

  12. [The construction of the 'SUS problem' in the newspaper Folha de S. Paulo].

    Science.gov (United States)

    Silva, Gabriela Martins; Rasera, Emerson Fernando

    2014-01-01

    The article examines the process of discursive construction of the 'SUS problem' in reports published in the newspaper Folha de S. Paulo in 2008. Through an online search of the Folha archives, 667 news items were selected and then studied from the perspectives of critical discourse analysis and contributions from social constructionism. In methodological terms, at the text practice level of analysis, the investigation sought to determine what linguistic resources had been used to construct the SUS problem. At the discursive practice level of analysis, it further explored how the newspaper medium and the journalistic style influenced the production of these meanings. The article concludes that as this production constructs the SUS problem, it fosters a limited, negative view of the the Sistema Único de Saúde (Unified Healthcare System, or SUS) based on mistrust and on the notion that it is impossible to improve the system.

  13. Effect of Potato virus X on total phenol and alkaloid contents in Datura stramonium leaves Efeito do Potato virus X no conteúdo de fenóis totais e alcalóides em folhas de Datura stramonium

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Lígia Maria Lembo Duarte

    2008-02-01

    Full Text Available The present paper reports results of the effect of Potato virus X (PVX on the contents of total phenols and alkaloids in leaves of Datura stramonium. A significant decrease in the contents of phenols and alkaloids was observed in leaves inoculated with PVX (X-I. However, there was an increase in the percentage of phenols in leaves rubbed with phosphate buffer (C1-I and in leaves from the nodes immediately above, possibly induced by mechanical injury. Gas chromatography/mass spectroscopy revealed amounts of scopolamine in samples submitted to all treatments, except X-I, in which the amount of this alkaloid was low. High amounts of an unidentified compound (molecular ion m/z 302 and a prominent peak at m/z 129 were noted in extracts from leaves X-I, C1-I and leaves from the nodes immediately above the leaves inoculated with PVX. It is suggested that the synthesis and accumulation of the unidentified compound is a result of stress from mechanical injury and virus inoculation.O presente trabalho relata resultados sobre a ação do Potato virus X (PVX no conteúdo de fenóis totais e alcalóides em folhas de Datura stramonium. Uma diminuição significativa no conteúdo dessas substâncias foi observada nas folhas inoculadas com o PVX (X-I. Entretanto, houve um aumento na porcentagem de fenóis nas folhas friccionadas com tampão fosfato (C1-I e nas acima das friccionadas, possivelmente induzido por injúria mecânica. Cromatografia gasosa/espectroscopia de massas revelou quantidades de escopolamina nas amostras submetidas a todos os tratamentos, exceto em X-I, no qual a quantidade deste alcalóide foi baixa. Altas quantidades de uma substância não identificada (íon molecular m/z 302 e um proeminente pico a m/z 129 foram notadas em extratos a partir de folhas dos tratamentos X-I, C1-I e nas acima das inoculadas com o PVX. Sugere-se que a síntese e acúmulo da substância não identificada é um resultado do estresse causado pela injúria mec

  14. Effect of stalk and leaf extracts from Euphorbiaceae species on Aedes aegypti (Diptera, Culicidae larvae Efeito dos extratos de caule e folha de espécies de Euphorbiaceae sobre larvas de Aedes aegypti (Diptera, Culicidae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria Goretti Araújo de Lima

    2006-08-01

    Full Text Available The objective of this study was to evaluate the larvicidal activity of essential oil aqueous solutions (hydrolates obtained by steam distillation of stalks and leaves of Croton argyrophylloides, Croton nepetaefolius, Croton sonderianus and Croton zehntneri against Aedes aegypti larvae. Twenty-five larvae of third instar were placed in plastic beckers, containing the hydrolates (50 mL, in a four repetitions scheme. Water was used as control and the number of dead larvae was counted after 24 hours. The data obtained were submitted to Variance Analysis and Tukey test. Significant differences were observed among the hydrolates from different species and from different parts of each plant (p O objetivo deste trabalho foi avaliar a atividade larvicida dos hidrolatos obtidos por destilação à vapor de caule e folha das espécies de Croton argyrophylloides, Croton nepetaefolius, Croton sonderianus e Croton zehntneri contra Aedes aegypti. Em cada bioensaio foram utilizadas 25 larvas de 3º estádio juntamente com 50 mL de cada hidrolato, dispostos em recipientes plásticos, num esquema de quatro repetições, utilizando-se como controle a água e avaliando-se a mortalidade com 24 horas de tratamento. Os dados foram submetidos à análise de variância e ao teste de Tukey. Verificou-se que houve diferença significativa tanto em relação aos hidrolatos das diferentes espécies vegetais, quanto em relação às diferentes partes de cada planta (p < 0,001. Os hidrolatos referentes ao caule e folha de C. nepetaefolius e C. zehntneri causaram 100% de mortalidade das larvas e diferiram das demais espécies, exceto da folha do C. argyrophylloides que apresentou o mesmo resultado. Os compostos presentes em C. zehntneri e C. nepetaefolius são fenil propanóides mais solúveis em água que os monoterpenos e sesquiterpenos detectados em C. argyrophylloides e C. sonderianus. Esta pesquisa evidenciou que todas as espécies testadas possuem compostos com

  15. Decomposição in situ de folhas senescentes de pereira (Pyrus communis L. cv. Rocha In situ decomposition of pear (Pyrus communis L. cv. Rocha senescent leaves

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    C. Neto

    2007-07-01

    Full Text Available Estudou-se a variação da perda de peso e a contribuição das folhas senescentes de pereira (cv. Rocha para a restituição de azoto (N ao solo através da técnica dos sacos de decomposição in situ, colocados em Outubro de 2003 à superfície do solo dum pomar situado no Cadaval (Oeste de Portugal. Os sacos contendo folhas senescentes colhidas em pereiras com um ano de plantação e fertilizadas com três níveis de N (0, 10 e 40 kg N/ha, foram recolhidos em Dezembro de 2003, Janeiro, Fevereiro, Maio, Julho e Outubro de 2004 e Março de 2005. No mesmo pomar enterraram-se, em Outubro de 2003, 12 cilindros de PVC, contendo à superfície folhas senescentes de pereiras com três anos de plantação e fertilizadas com 40 kg N/ha de adubo enriquecido com 10% de átomos de 15N. Os cilindros foram recolhidos em Janeiro, Março, Junho e Novembro de 2004. Determinouse a variação do peso e os teores de N total e enriquecimento em 15N nos resíduos, e nas amostras de terra avaliaram-se os teores de N “total”, N-inorgânico e carbono (C orgânico, bem como os nitratos potencialmente lixiviados e adsorvidos em resinas de troca aniónica, em cada data. A decomposição in situ das folhas senescentes das pereiras ‘Rocha’ jovens variou significativamente com a fertilização azotada após 506 dias. As folhas provenientes da modalidade 0 kg N/ha apresentaram menor peso residual (21% do inicial e menor teor de N (44% do teor inicial de N comparativamente com as folhas resultantes das modalidades adubadas com N, no final do período em estudo. Padrão idêntico de comportamento verificou-se na decomposição in situ das folhas das árvores com três anos, colocada à superfície do solo dos cilindros de PVC enterrados. A mineralização do N destas folhas levou à disponibilização do N para as árvores no início do abrolhamento e a partir de Junho, não se tendo observado lixiviação do N mineral produzido.The weight loss of one year-old

  16. Protein concentrate obtainment from leaves and aerial part cassava (ManihotesculentaCrantzObtenção de concentrado protéico de folhas e parte aérea da mandioca (ManihotesculentaCrantz

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Janaina Lima da Silva

    2012-12-01

    Full Text Available The aerial parts of cassava, constituted by leaves, stalk sand stems, are considered as agro-industrial waste, so, they are thrown away during roots crop. This material has content of protein, vitamin and mineral; therefore, it can be used as a dietary supplement for food industries. Thus, alternatives have come to extract protein from leaves and remove toxic agent sand anti-nutrients that make part of their composition. In this context, this study aimed at evaluating yield, mineral composition and functional properties of protein concentrates from leaves and aerial part of cassava. During the extraction of proteins, the following tested methods were:(1 isoelectric precipitation; (2 natural fermentation for five days; (3 fermentation for 48 hours and (4 fermentation for 48 hours, followed by pH adjustment. A 2 x 4 factorial design was used, the studied factors were the products (leaves and shoots and the method of protein extraction (four methods, with three replications. From the results, it was observed that Method1 provided the highest yields of protein concentrate and protein extraction for cassava leaves, however, there was no significant difference among the extraction methods for the aerial part of cassava. The values of Fe, Mn and Zn increased in protein concentrates obtained both in leaves and the aerial part of cassava, especially for Method 3. The capacities of absorbing water and oil from protein concentrates were considered high for the four studied methods, thus, indicating a good application in food products.As partes aéreas da mandioca, representadas pelas folhas, hastes e caules, constituem-se como resíduos agroindustriais por serem desperdiçadas na colheita das raízes. Esse material possui valor protéico, vitaminas e mineiras, propiciando sua utilização como suplemento alimentar nas indústrias alimentícias. Alternativas neste sentido surgem para extrair a proteína das folhas e eliminar os agentes tóxicos e

  17. Acyl flavonoids, biflavones, and flavonoids from Cephalotaxus harringtonia var. nana.

    Science.gov (United States)

    Komoto, Noriko; Nakane, Takahisa; Matsumoto, Sachiko; Hashimoto, Shusuke; Shirota, Osamu; Sekita, Setsuko; Kuroyanagi, Masanori

    2015-10-01

    A methanol extract of the leaves of Cephalotaxus harringtonia var. nana and its ethyl acetate (EtOAc)-soluble fraction demonstrated strong antitumor activity against A549 and HT-29 cell lines. The EtOAc-soluble fraction was purified by column chromatography and high-performance liquid chromatography (HPLC) using a reverse-phase column to yield three novel acyl flavonoids and a biflavonoid, along with 15 other known compounds that included flavonoids, biflavonoids, and other phenolics. The structures of the new compounds were elucidated using spectral data from HR-MS and NMR, including two-dimensional NMR studies, as (2R,3R)-3-O-eicosanoyltaxifolin (1), (2R,3R)-3-O-docosanoyltaxifolin (2), (2R,3R)-3-O-tetracosanoyltaxifolin (3), and 6-methyl-4',7,7″-tri-O-methylamentoflavone (4). The isolated compounds, including the known compounds, were tested for possible antitumor activity; some of the biflavones were found to be active. The potent antitumor activity of the extract was attributed to Cephalotaxus alkaloids, such as homoharringtonine (20).

  18. Flavonoids from Lonchocarpus campestris (Leguminosae); Flavonoides de Lonchocarpus campestris (Leguminosae)

    Energy Technology Data Exchange (ETDEWEB)

    Pires, Andreza Maria L.; Silveira, Edilberto R.; Pessoa, Otilia Deusdenia L., E-mail: opessoa@ufc.b [Universidade Federal do Ceara (DQOI/UFC), Fortaleza, CE (Brazil). Dept. de Quimica Organica e Inorganica

    2011-07-01

    A new flavone named 3,4',5,6-tetramethoxy-[2'', 3'':7,8] furanoflavone besides the known flavonoids (2S,3R,4S)-3,4,5,8-tetramethoxy-[2'',3'':6,7]-furanoflavan, 3,6-dimethoxy-2'',2''-dimethylcromene-[2'',3'':7,8]-flavone, 3,5,6-trimethoxy-[2'',3'':7,8]-furanoflavone, 2,4',4,5-tetramethoxy-[2'',3'':6,7]-furanodihydroaurone, (2R,3S,4S)-3,4,5,6-tetramethoxy-[2'',3'':7,8]-furanoflavan and 3',4'-methylenedioxy-5,6-dimethoxy-[2'',3'':7,8]-furanoflavone were isolated from the root barks of Lonchocarpus campestris. The complete {sup 1}H and {sup 13}C NMR assignments of the new furan flavonoid was performed using 1D and 2D pulse sequences, including COSY, HMQC and HMBC experiments. (author)

  19. Seasonal variation in the phenol content of Eugenia uniflora L. leaves Variação sazonal nos teores de fenóis de folhas de Eugenia uniflora L

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    R.M Santos

    2011-01-01

    Full Text Available Hydrolysable tannins, total phenols and flavonoids in Eugenia uniflora leaves were monthly analysed for one year. The results were correlated with climate conditions (rainfall, humidity, cloudiness and mean temperature through chemometric methods. Principal component analysis revealed high levels of hydrolysable tannins in the rainy season, whereas flavonoids were mainly produced in the dry season. These facts suggest that climatic changes may be one of the factors affecting phenol levels in Eugenia uniflora.Taninos hidrolisáveis, fenóis totais e flavonóides presentes em folhas de Eugenia uniflora foram quantificados mensalmente durante um ano. Os resultados foram correlacionados com as condições climáticas (pluviosidade, umidade, nebulosidade e temperatura média através de métodos quimiométricos. Análise de componentes principais revelou a ocorrência de altos teores de taninos hidrolisáveis durante a estação de chuvas, enquanto os flavonóides foram produzidos principalmente na estação seca. Estes fatos sugerem que mudanças climáticas podem ser um dos fatores que afetam os níveis de fenóis em Eugenia uniflora.

  20. Determinação de massa fresca, massa seca, água e cinzas totais de folhas de Cissus verticillata (L. Nicolson & C. E. Jarvis subsp. verticillata e avaliação do processo de secagem em estufa com ventilação forçada

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    T. V. BRAGA

    2009-01-01

    Full Text Available

    Cissus verticillata (L. Nicolson & C. E. Jarvis subsp. verticillata (Vitaceae é conhecida popularmente como insulina vegetal, cortina japonesa, uva-brava, anil trepador e cipó-pucá e utilizada na medicina popular na forma de chá das folhas no tratamento da diabetes, como antiinflamatório, antiepilético, antihipertensivo, antitérmico, antireumático, antigripal e contra infecções respiratórias. O objetivo deste estudo foi avaliar os teores de massa fresca, massa seca, percentual de água e percentual de cinzas totais, visando melhoria das condições de secagem, armazenamento, dispensação e uso pela população. As folhas da espécie foram coletadas no bairro Antônio Dias, Ouro Preto, Minas Gerais, Brasil. Foram selecionadas, lavadas e secas em estufa com ventilação forçada à 45ºC e determinou-se as cinzas totais e perda por dessecação (através do método gravimétrico, ambos de acordo com a Farmacopéia Brasileira. Os resultados mostraram que as folhas de C. verticillata subsp. verticillata possuem alto teor de água. O processo de secagem em estufa de ventilação forçada, a temperatura de 45ºC, foi eficaz, proporcionando folhas com 11,47% de umidade e 17,99% de cinzas totais. Palavras-chave: Cissus verticillata; insulina vegetal; qualidade; gravimetria.

  1. Wine Flavonoids in Health and Disease Prevention.

    Science.gov (United States)

    Fernandes, Iva; Pérez-Gregorio, Rosa; Soares, Susana; Mateus, Nuno; de Freitas, Victor

    2017-02-14

    Wine, and particularly red wine, is a beverage with a great chemical complexity that is in continuous evolution. Chemically, wine is a hydroalcoholic solution (~78% water) that comprises a wide variety of chemical components, including aldehydes, esters, ketones, lipids, minerals, organic acids, phenolics, soluble proteins, sugars and vitamins. Flavonoids constitute a major group of polyphenolic compounds which are directly associated with the organoleptic and health-promoting properties of red wine. However, due to the insufficient epidemiological and in vivo evidences on this subject, the presence of a high number of variables such as human age, metabolism, the presence of alcohol, the complex wine chemistry, and the wide array of in vivo biological effects of these compounds suggest that only cautious conclusions may be drawn from studies focusing on the direct effect of wine and any specific health issue. Nevertheless, there are several reports on the health protective properties of wine phenolics for several diseases such as cardiovascular diseases, some cancers, obesity, neurodegenerative diseases, diabetes, allergies and osteoporosis. The different interactions that wine flavonoids may have with key biological targets are crucial for some of these health-promoting effects. The interaction between some wine flavonoids and some specific enzymes are one example. The way wine flavonoids may be absorbed and metabolized could interfere with their bioavailability and therefore in their health-promoting effect. Hence, some reports have focused on flavonoids absorption, metabolism, microbiota effect and overall on flavonoids bioavailability. This review summarizes some of these major issues which are directly related to the potential health-promoting effects of wine flavonoids. Reports related to flavonoids and health highlight some relevant scientific information. However, there is still a gap between the knowledge of wine flavonoids bioavailability and their health

  2. Flavonoids:emerging trends and potential health benefits%Flavonoids: emerging trends and potential health benefits

    Institute of Scientific and Technical Information of China (English)

    Raj K.Keservani; Anil K.Sharma

    2014-01-01

    Flavonoids are widely used in industry for the prevention of various diseases.In daily life we are directly in touch with flavonoids due to their presence in different beverages,fruits and vegetables.Flavonoids are mainly used as a coloring agent in plants,antioxidant and nutritional food for human.Flavonoids have explicit role in UV filtration,symbiotic nitrogen fixation and floral pigmentation.Flavonoids have potential for different biological activities like chelation of metals,decreasing platelets aggregation and cell signaling etc.

  3. Dietary flavonoids: intake, health effects and bioavailability

    NARCIS (Netherlands)

    Hollman, P.C.H.; Katan, M.B.

    1999-01-01

    Flavonoids are polyphenolic compounds that occur ubiquitously in foods of plant origin. Over 4000 different flavonoids have been described. They may have beneficial health effects because of their antioxidant properties and their inhibitory role in various stages of tumour development in animal stud

  4. Rare prenylated flavonoids from Tephrosia purpurea.

    Science.gov (United States)

    Hegazy, Mohamed-Elamir F; Abd el-Razek, Mohamed H; Nagashima, Fumihiro; Asakawa, Yoshinori; Paré, Paul W

    2009-01-01

    Chemical investigations of aerial parts of Tephrosia purpurea yielded the rare prenylated flavonoids, tephropurpulin A (1) and isoglabratephrin (2), in addition to a previously identified flavonoid, glabratephrin (3). Structures were established by 1D and 2D NMR spectroscopy, as well as by HR-MS analysis; for compounds 2 and 3, structures were confirmed by X-ray analysis.

  5. Flavonoid variation in Eurasian Sedum and Sempervivum

    NARCIS (Netherlands)

    Stevens, J.F; 't Hart, H; Elema, E.T; Bolck, A

    1996-01-01

    Flavonoids from vegetative parts of 29 species of Eurasian Sedum, Sedum meyeri-johannis from central East Africa, 34 species of Sempervivum, and Jovibarba heuffelii have been identified after acid hydrolysis. Ten flavonoid aglycones were detected, i.e. kaempferol, herbacetin, sexangularetin, quercet

  6. Flavonoids and dementia: an update.

    Science.gov (United States)

    Orhan, I E; Daglia, M; Nabavi, S F; Loizzo, M R; Sobarzo-Sánchez, E; Nabavi, S M

    2015-01-01

    Dementia is a strongly age-related syndrome due to cognitive decline that can be considered a typical example of the combination of physiological and pathological aging-associated changes occurring in old people; it ranges from intact cognition to mild cognitive impairment, which is an intermediate stage of cognitive deterioration, and dementia. The spread of this syndrome has induced to study and try to reduce dementia modifiable risk factors. They include insulin resistance and hyperinsulinaemia, high blood pressure, obesity, smoking, depression, cognitive inactivity or low educational attainment as well as physical inactivity and incorrect diet, which can be considered one of the most important factors. One emerging strategy to decrease the prevalence of mild cognitive impairment and dementia may be the use of nutritional interventions. In the last decade, prospective data have suggested that high fruit and vegetable intakes are related to improved cognitive functions and reduced risks of developing a neurodegenerative process. The protective effects against neurodegeneration could be in part due to the intake of flavonoids that have been associated with several health benefits such as antioxidant and anti-inflammatory activities, increased neuronal signaling, and improved metabolic functions. The present article is aimed at reviewing scientific studies that show the protective effects of flavonoid intake against mild cognitive impairment and dementia.

  7. Mineral nutrition and caffeine content in coffee leaves Nutrição mineral e conteúdo de cafeína em folhas de café

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    PAULO MAZZAFERA

    1999-01-01

    Full Text Available The effect of nutrient supply on the caffeine content of coffee (Coffea arabica L. leaves was investigated. Seeds were germinated in nutrient-agar media lacking N, P, K, Ca, Mg, S, Zn, B or Mo. The control treatment contained all essential nutrients. The caffeine concentration was determined seven months after seed sowing when the seedlings have 3 to 4 pair of leaves. The omission of K induced the highest caffeine content in the leaves (24.5 g.kg-1. Caffeine in the control treatment was 21.9 g.kg -1. Absence of P induced the lowest content, 17.5 g.kg-1.O efeito do suprimento de nutrientes sobre o conteúdo de cafeína em folhas de café (Coffea arabica L. foi estudado. Sementes foram germinadas em meios nutrientes de ágar deficientes em N, P, K, Ca, Mg, S, Zn, B ou Mo. O meio-controle continha todos os nutrientes essenciais. A concentração de cafeína foi determinada sete meses após a colocação das sementes nos meios, quando três a quatro pares de folhas haviam sido emitidos. A omissão de K induziu o maior conteúdo de cafeína nas folhas (24,5 g.kg-1. O conteúdo do alcalóide no tratamento-controle foi de 21,9 g.kg-1. A ausência de P induziu maior redução, sendo o conteúdo de 17,5 g.kg-1.

  8. Comportamento estomático e potencial da água da folha em três espécies lenhosas cultivadas sob estresse hídrico

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Silva Elizamar Ciríaco da

    2003-01-01

    Full Text Available Com o objetivo de avaliar o comportamento estomático e o potencial da água da folha em plantas jovens de Mimosa caesalpiniifolia, Enterolobium contortisiliquum e Tabebuia aurea submetidas a estresse hídrico, desenvolveu-se um experimento em casa de vegetação no Laboratório de Fisiologia Vegetal da UFRPE. As plântulas foram submetidas a dois tratamentos hídricos (100% da CP e 50% da CP e aos 5¹, 7, 13 e 22 dias de estresse hídrico, foram avaliadas a transpiração (E, a resistência difusiva (Rs, a temperatura da folha (Tfol, a temperatura do ar (Tar, umidade relativa do ar (UR, a radiação fotossinteticamente ativa (PAR e o déficit de pressão de vapor (DPV às 7h, 9h, 12h e 15h. Após 30 dias de estresse, foi medido o potencial da água da folha (Yw entre 9-10 horas. Os maiores valores de E foram registrados entre 9-12h para todas as espécies, sendo mais baixos nas plantas estressadas. O oposto foi verificado para Rs, com diferenças na magnitude dos valores entre espécies e horários de avaliação. A Rs das plantas estressadas de E. contortisiliquum foi influenciada pela Tar e de M. caesalpiniifolia pela UR e PAR. O Yw decresceu com o estresse, com reduções de até 155%. A Tfol não se mostrou bom indicador dos efeitos do estresse hídrico sobre as espécies.

  9. Flavonoids--food sources and health benefits.

    Science.gov (United States)

    Kozłowska, Aleksandra; Szostak-Wegierek, Dorota

    2014-01-01

    Flavonoids are a group of bioactive compounds that are extensively found in foodstuffs of plant origin. Their regular consumption is associated with reduced risk of a number of chronic diseases, including cancer, cardiovascular disease (CVD) and neurodegenerative disorders. Flavonoids are classified into subgroups based on their chemical structure: flavanones, flavones, flavonols, flavan-3-ols, anthocyanins and isoflavones. Their actions at the molecular level include antioxidant effects, as well the ability to modulate several key enzymatic pathways. The growing body of scientific evidence indicates that flavonoids play a beneficial role in disease prevention, however further clinical and epidemiological trials are greatly needed. Among dietary sources of flavonoids there are fruits, vegetables, nuts, seeds and spices. Consumption of these substances with diet appears to be safe. It seems that a diet rich in flavonoids is beneficial and its promotion is thus justifiable.

  10. Flavonoids as chemotaxonomic markers for Erythroxylum australe.

    Science.gov (United States)

    Johnson, Emanuel L; Schmidt, Walter F

    2004-01-01

    Methanolic leaf extracts of Erythroxylum australe F. Muell. produced eight O-conjugated flavonoids. Six of the flavonoid aglycones were dihydroisoflavones (all dihydro-orobol derivatives), one a flavanone, eriodictyol, and one a flavonol, quercetin. The major glycosides of the flavonoids included mono-glucosyl-rhamnosyls and dirhamnosyl-glucosides with either 3, 5, 7 or 3', 4' linkage or a combination thereof The array of flavonoids present in E. australe suggests kinship to E. ulei and linkage to the four cultivated alkaloid-bearing Erythroxylum, especially the ancestral E. coca var. coca. Because of the uniqueness of the flavonoids present in leaf tissue of E. australe they are unambiguously useful as chemotaxonomic markers for the taxon.

  11. Influência do processamento da folha e tipo de secagem no teor e composição química do óleo essencial de manjericão cv. Maria Bonita Influence of leaf processing and type of drying on the content and chemical composition of the essential oil of basil cv. Maria Bonita

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luciana Domiciano Silva Rosado

    2011-04-01

    Full Text Available O manjericão é uma planta medicinal aromática pertencente à família Lamiaceae, rica em óleos essenciais e com grande interesse industrial. Objetivou-se, no presente trabalho, estudar a influência do processamento da folha (inteira e pulverizada submetida a dois tipos secagem (estufa de ventilação forçada a 38º C e sala com desumidificador, sobre o teor e composição química do óleo essencial. O delineamento utilizado foi o inteiramente casualizado (DIC, com 4 tratamentos e 6 repetições. O óleo essencial foi extraído por hidrodestilação das folhas e analisado por CG e CG/EM. O tipo de secagem e o processamento da folha do O. basilicum influenciaram no teor e composição química do óleo essencial. Maior porcentagem da área de pico do componente químico linalol foi obtida quando se realizou o processo de secagem das folhas. A secagem em estufa conservou o aroma e a coloração verde das folhas, preservando as características originais da cultivar.Ocimum basilicum L. cv. Maria Bonita is a medicinal aromatic plant of the Lamiaceae family, it is rich in essential oils with high industrial interest. The present work aimed to study the influence of leaf processing (whole and ground leaf in two drying types (oven-drying at 38º C and room temperature using moisture dryer on the content and chemical composition of the essential oil. A completely randomized design was used with 4 treatments and 6 replicates. The essential oil obtained by hydrodestillation of the leaves was analyzed by GC and GC/MS. The results show that the drying type and the processing of the leaf influence the content and chemical composition of the essential oil. High amounts of linalol were obtained when the leaves underwent dry processing. The oven-dried conserved the aroma and the green color of the leaves, preserving the original characteristics of the cultivar.

  12. Teor e acúmulo de nutrientes em folhas e frutos de pinhão-manso Nutrient concentration in Jatropha curcas l. leaves and fruits and estimated extraction at harvest

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Bruno Galvêas Laviola

    2008-10-01

    Full Text Available O conhecimento das necessidades nutricionais de uma cultura é essencial para a elaboração das recomendações de adubação. De posse disso, estudou-se o teor e o acúmulo de nutrientes em folhas e frutos de pinhão-manso, bem como estimou-se a extração de nutrientes pela colheita de frutos entre o primeiro e o quarto ano de cultivo. O estudo foi realizado na fazenda Paraíso, no município de Viçosa-MG. Utilizou-se para coleta das amostras um talhão com 6.000 plantas de pinhão-manso, implantado em abril/2006, no espaçamento de 4 x 2 m. Foi realizada a coleta aleatória de quatro amostras de folhas e de frutos na área total, sendo cada amostra composta por 15 folhas ou 20 frutos. Para as amostras de folhas, foram coletados limbos foliares expandidos, entre a sexta e a oitava folha abaixo da inflorescência. Somente folhas sem deficiência nutricional ou ataque de pragas e, ou, doenças aparentes foram amostradas. Os frutos foram coletados no estádio maduro, com a casca amarela. Os materiais vegetais amostrados foram lavados, postos a secar, pesados e submetidos às análises químicas. As folhas de pinhão-manso apresentaram a seguinte ordem de acúmulo de nutrientes: N > Ca > K > Mg > P > S >Mn > Fe > B > Zn > Cu; nos frutos, a ordem encontrada foi: N > K > Ca > P > Mg > S > Mn > Fe > B > Zn > Cu. A relação N/K foi de 2,3 em folhas e de 1,4 em frutos, indicando que na fase em que a planta entra em produção aumenta a necessidade de K. Apesar de o P ser o quarto e o quinto nutriente mais requerido (em frutos e folhas, respectivamente pela cultura, esse elemento deve ser fornecido em maior quantidade do que o acumulado, devido à facilidade de sua adsorção no solo. De posse da estimativa de acúmulo de nutrientes nos frutos, infere-se que o pinhão-manso extrai elevada quantidade de nutrientes na colheita e, se não adequadamente adubado, pode levar ao empobrecimento do solo ao longo dos anos de cultivo.Knowledge about the

  13. Crescimento foliar e atividades das enzimas antioxidativas em plântulas de girassol suplementadas com percolado de aterro sanitário e submetidas a estresse hídrico

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Francisco Holanda Nunes Junior

    2017-01-01

    Full Text Available Em regiões áridas ou semiáridas, a escassez hídrica tem sido um dos principais fatores limitantes da produção agrícola. Diante disso, o presente trabalho objetivou analisar os efeitos da aplicação de percolado de aterro sanitário no crescimento foliar (número de folhas e área foliar e as atividades das enzimas antioxidativas: superóxido dismutase (SOD, catalase (CAT, peroxidase do ascorbato (APX e peroxidase do guaiacol (GPX em folhas e raízes de plântulas de girassol submetidas às condições de estresse hídrico. O delineamento experimental foi o inteiramente casualizado, disposto em arranjo fatorial dois (irrigadas ou não irrigadas x quatro (areia; areia + adubo orgânico 100 kg N ha-1; areia + percolado de aterro sanitário 100 kg N ha-1; areia + percolado de aterro sanitário 150 kg N ha-1, com cinco repetições. Em relação aos parâmetros foliares, o tratamento 100 kg N ha-1 suplementado com percolado de aterro sanitário obteve os melhores incrementos no número de folhas e área foliar. Além disso, verificaram-se aumentos nas atividades das enzimas antioxidativas em folhas e raízes de plântulas de girassol suplementadas com percolado de aterro sanitário, sendo provável que as reduções dos efeitos deletérios do estresse hídrico nas variáveis foliares dos tratamentos suplementados com percolado de aterro sanitário tenham ocorrido em virtude das maiores atividades das enzimas antioxidativas, especialmente as da CAT nas folhas e GPX nas raízes.

  14. Alterações anatômicas em folhas e raízes de Jatropha curcas L. cultivadas sob estresse salino Anatomical changes in the leaves and roots of Jatropha curcas L. cultivated under saline stress

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Gemima Manço de Melo

    2011-09-01

    Full Text Available A espécie Jatropha curcas L. está entre as mais destacadas fontes de grãos oleaginosos, com baixa exigência hídrica e nutricional, sendo promissora para regiões áridas e semiáridas, em geral sujeitas à salinização do solo. Objetivou-se neste trabalho avaliar o efeito de diferentes concentrações salinas, sobre a anatomia de folhas e raízes de Jatropha curcas. Cinqüenta sementes foram semeadas em bandejas, e as plântulas transferidas para potes com capacidade para 5 litros, o ensaio foi conduzido em casa de vegetação. Após 21 dias da germinação, as plantas foram submetidas aos seguintes tratamentos salinos: 25; 50; 75; 100; 150 e 200 mM de NaCl, além do controle (0 mM de NaCl, em delineamento inteiramente casualizado, com cinco repetições por tratamento. Ao final do 32º dia de tratamento, a terceira folha e raízes, medindo aproximadamente 5 cm de comprimento, foram coletadas e fixadas em FAA 50. Seções transversais da porção mediana da nervura central da folha e da região mediana da raiz foram cortadas e coradas com safrablau. Foram observadas na folha redução no número de células do xilema e floema e alterações em sua distribuição, em função do aumento das concentrações de sal na solução. Nas raízes observou-se que, quanto mais alta a concentração salina, maior a lignificação das células xilemáticas e endodérmicas, e maior a redução no diâmetro e no número de elementos de vaso. Portanto, ocorrem alterações anatômicas em folhas e raízes das plantas quando cultivadas sob altas concentrações salinas.The species Jatropha curcas L. is among the most prominent sources of oilseeds, with low water requirement and nutrition, and promising to arid and semiarid regions, usually subject to soil salinization. The objective of this study was to evaluate the effect of different salt concentrations on the anatomy of leaves and roots of Jatropha curcas. Fifty seeds were sown in trays and the seedlings

  15. Intoxicação espontânea e experimental por folhas e frutos de Erythroxylum deciduum (cocão em ovinos no Estado de Santa Catarina

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    V. Borelli

    2011-03-01

    Full Text Available Descreve-se uma enfermidade em ovinos de ocorrência sazonal, caracterizada por manifestações nervosas e morte rápida, nos municípios de Rancho Queimado e Ponte Alta do Sul, no estado de Santa Catarina. A doença foi reproduzida experimentalmente em ovinos com a administração de folhas de Erythroxylum deciduum coletados durante o verão, com doses letais a partir de 10g/kg de peso vivo. Em um único experimento com os frutos a dose de 15g/kg foi letal. O início da manifestação dos sinais clínicos, ocorreu entre 0 e 2 horas após a administração das folhas ou dos frutos e a evolução da doença foi de 10 minutos a 18 horas. Doses de até 20g/kg de folhas coletadas no período de inverno, produziram alterações clínicas discretas em dois ovinos. Os sinais clínicos foram depressão, sonolência e, quando os animais eram movimentados, incoordenação motora, desequilíbrio, quedas, dificuldade para se levantar e estação com os membros abertos. Também foi observado: salivação intensa, regurgitação, bruxismo, aumento das frequências cardíaca e respiratória. Os sinais clínicos se agravavam quando os animais eram movimentados e geralmente resultavam em morte. Os animais que morreram pelas intoxicações espontânea e experimental, não tinham alterações macroscópicas e microscópicas significativas. O corte das árvores de E. deciduum faz com que o tronco rebrote, favorecendo a ingestão da planta pelos ovinos. Este fato e a disponibilidade de frutos maduros que caem ao chão podem ser responsabilizados pela doença de ovinos com sinais nervosos e ausência de lesões macroscópicas e microscópicas, que ocorrem nos meses de verão, no Estado de Santa Catarina.

  16. Caracterização anatômica, histoquímica e de classes de metabólitos secundários de folhas de Guzmania lingulata (L. Mez.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    E.M. Belotto

    2014-03-01

    Full Text Available Na medicina natural pouco se sabe sobre a importância curativa da maior parte das espécies pertencentes à Bromeliaceae. Tal fato evidencia a necessidade da realização de investigações para a comprovação de possíveis potenciais fitoterápicos em espécies dessa família. Guzmania lingulata é caracterizada como sendo uma das espécies de bromélia mais comercializada e conhecida popularmente, a qual é amplamente propagada no Brasil. O presente trabalho objetivou a caracterização anatômica e a identificação de classes de metabólitos secundários presentes em G. lingulata, por meio de análises anatômicas, histoquímicas e químicas. As folhas foram fixadas em FAA 50 e transferidas para etanol 50%. Para o estudo anatômico, secções transversais da porção mediana das lâminas foliares foram obtidas à mão livre e submetidas ao processo de dupla coloração com safranina e azul de astra, sendo, logo após, montadas em gelatina glicerinada. Para a triagem das classes de metabólitos secundários foram coletadas 10 folhas frescas que passaram pelo processo de maceração em solução hidroalcoólica 70% por sete dias, à temperatura ambiente. O filtrado resultante da filtração a vácuo foi evaporado sob vácuo a temperatura de 50ºC até a remoção total do etanol, sendo obtido desta forma o extrato bruto hidroalcoólico a frio (EBHF. Os resultados das secções histológicas permitiram a caracterização anatômico-foliar baseada na qualidade das secções manuais obtidas. Os testes em relação às classes de metabólitos secundários revelaram a presença de antocianinas e taninos e ausência de flavonóides e saponinas. Esses resultados estimulam a realização de estudos mais aprofundados para identificar e quantificar os compostos dessas e de outras classes de metabólitos.

  17. Elaboração e validação de escala diagramática para avaliação da severidade de oídio em folhas de mamoeiro

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Pedro Henrique Dias dos Santos

    2011-12-01

    Full Text Available Com o objetivo de facilitar e padronizar as avaliações da severidade de oídio (Streptopodium caricae em folhas de mamoeiro elaborou-se e validou-se uma escala diagramática com os seguintes níveis de severidade: 0,6; 1,2; 2,5; 5,0; 10,0 e 20,0%. Sem a escala, todos os avaliadores superestimaram a severidade da doença. Com a escala, os avaliadores obtiveram melhores níveis de acurácia, com erros absolutos concentrando-se na faixa de 5%, sendo muitas vezes inferiores a esse valor e poucas vezes ultrapassando os 10%. Todos os avaliadores apresentaram boa repetibilidade e elevada reprodutibilidade das estimativas com a utilização da escala. A escala diagramática proposta mostrou-se adequada para avaliação da severidade de oídio em folhas de mamoeiro.

  18. Bioactive flavonoids from Kaempferia parviflora.

    Science.gov (United States)

    Yenjai, Chavi; Prasanphen, Khanchara; Daodee, Supawadee; Wongpanich, Varima; Kittakoop, Prasat

    2004-01-01

    Nine flavonoids (1-9) have been isolated from Kaempferia parviflora. Among these, 5,7,4'-trimethoxyflavone (8) and 5,7,3',4'-tetramethoxyflavone (9) exhibited antiplasmodial activity against Plasmodium falciparum, with IC50 values of 3.70 and 4.06 microg/ml, respectively. 3,5,7,4'-Tetramethoxyflavone (7) and compound 8 possessed antifungal activity against Candida albicans with respective IC50 values of 39.71 and 17.63 microg/ml, and also showed mild antimycobacterial activity with the minimum inhibitory concentrations (MIC) of 200 and 50 microg/ml, respectively. However, none of the isolated compounds demonstrated cytotoxicity against KB, BC and NCI-H187 cell lines.

  19. Genética da resistência à ferrugem-da-folha em aveia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cruz Renata Pereira da

    2001-01-01

    Full Text Available A ferrugem-da-folha (Puccinia coronata f. sp. avenae é a principal doença da cultura da aveia (Avena sativa L., e o uso de cultivares resistentes é o método de controle mais importante. Este trabalho teve por objetivo determinar o controle genético da resistência à ferrugem-da-folha em aveia e identificar fontes de genes diferentes para resistência a esta doença. Foram utilizados três genótipos resistentes (UFRGS 15, UFRGS 881920 e UFRGS 86A1194-2, três genótipos suscetíveis (UFRGS 7, UFRGS 8 e UFRGS 14 e a geração segregante F3 proveniente dos cruzamentos entre estes genótipos. As plantas foram avaliadas individualmente quanto à presença ou ausência da ferrugem-da-folha, sendo os dados destas leituras utilizados numa análise genética em que a hipótese de um ou dois genes de resistência foi testada pelo qui-quadrado. Os resultados evidenciaram um gene dominante de resistência no genótipo UFRGS 881920 e dois genes complementares no genótipo UFRGS 15 quando estes foram cruzados com os suscetíveis. A análise genética feita não permitiu determinar se estes dois genótipos são ou não a mesma fonte genética de resistência.

  20. Utilização de parâmetros morfoanatômicos na análise da fitotoxidez do flúor em folhas de Magnolia ovata (A. St.-Hil. Spreng. (Magnoliaceae Use of morphoanatomic parameters in the analysis of fluoride toxicity in leaves of Magnolia ovata (A. St.-Hil. Spreng. (Magnoliaceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Bruno Francisco Sant'Anna-Santos

    2007-08-01

    Full Text Available Com os objetivos de avaliar o grau de suscetibilidade e caracterizar as injúrias na morfoanatomia de folhas de Magnolia ovata, mudas foram submetidas à chuva simulada com flúor (10 µg.ml-1 de F- por 10 dias consecutivos. No tratamento controle, utilizou-se apenas água deionizada. Folhas foram coletadas para quantificação de flúor na matéria seca e fixadas para análises em microscopia de luz e eletrônica de varredura. As folhas apicais apresentaram pequena porcentagem de necroses intervenais e marginais em uma ou ambas as faces e maior acúmulo de flúor, em relação ao controle, quando comparadas com as folhas da porção basal. A análise micromorfológica das folhas aparentemente sadias indicou alterações nas paredes periclinais externas da epiderme e formação de concavidades, além de cristas estomáticas danificadas, erosão de ceras epicuticulares e presença de esporos e hifas de fungos. A caracterização estrutural das injúrias evidenciou retração de protoplasto das células epidérmicas, colapso das células do mesofilo e da epiderme e acúmulo de compostos fenólicos em células das regiões necrosadas. As alterações micromorfológicas das folhas ocorreram antes que sintomas fossem observados, o que comprova a importância da micromorfologia na diagnose precoce da injúria. As plantas de M. ovata apresentaram poucos sintomas visuais em resposta ao flúor, entretanto as alterações morfoanatômicas indicam que essa espécie possui potencial para ser utilizada como bioindicadora.This work aimed to evaluate the degree of susceptibility and characterize the injuries caused by fluoride in the morphoanatomy of Magnolia ovata. Seedlings were subjected to fluoride simulated rain (10 µg.ml-1 of F- during 10 consecutive days. In the control treatment, only deionized water was used. Leaves were collected for quantification of fluoride in the dry weight and fixed for light and scanning electron microscopy analyses. The

  1. Quantificação da área e do teor de clorofilas em folhas de plantas jovens de videira 'Cabernet Sauvignon' mediante métodos não destrutivos Non-destructive quantification of area and chlorophyll content in the leaves of young 'Cabernet Sauvignon' grapevines

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cassandro Vidal Talamini do Amarante

    2009-09-01

    Full Text Available Este trabalho foi conduzido visando a desenvolver métodos não destrutivos para estimar a área foliar e o conteúdo de clorofilas em folhas de plantas jovens de videira 'Cabernet Sauvignon'. Para a estimativa da área foliar, foram tomadas medidas de comprimento da nervura principal e das duas maiores nervuras secundárias em folhas representando uma grande amplitude de áreas foliares, seguindo-se da leitura em um integrador de área foliar. Para a quantificação de clorofilas, folhas com tonalidades variando de verde-amareladas (folha clorótica a verde-escuras foram avaliadas individualmente com um medidor de clorofila (Minolta SPAD-502 e um colorímetro (Minolta CR-400, no espaço de cores L, C e hº, nas faces abaxial (inferior e adaxial (superior, seguido de quantificações destrutivas de clorofilas a, b e totais. A quantificação do comprimento da nervura principal proporcionou boa estimativa da área foliar, sendo que a soma do comprimento das duas nervuras secundárias, bem como do somatório destes comprimentos com o comprimento da nervura principal, resultou em aumento muito pequeno na capacidade de estimativa da área foliar. Os valores das leituras do medidor de clorofila e da relação hº/(LxC do colorímetro, avaliados em ambas as faces das folhas, aumentaram com o incremento nos teores de clorofilas. Os modelos ajustados entre os teores de clorofilas e as leituras do medidor de clorofila e da relação hº/(LxC do colorímetro apresentaram valores de R² similares. Todavia, a medição da relação hº/(LxC do colorímetro, feita na face adaxial da folha, mostrou melhor estimativa do teor de clorofila, expresso em unidade de área (µg.cm-2 de folha.This work was carried out to develop non destructive methods to estimate the area and chlorophylls content in the leaves of young grapevines 'Cabernet Sauvignon'. For leaf area estimation, the lengths of main and two secondary leaf veins were measured, in leaves ranging from

  2. Flavonoid regulation of EAG1 channels

    Science.gov (United States)

    Carlson, Anne E.; Brelidze, Tinatin I.

    2013-01-01

    The voltage-gated, K+-selective ether á go-go 1 (EAG1) channel is expressed throughout the brain where it is thought to regulate neuronal excitability. Besides its normal physiological role in the brain, EAG1 is abnormally expressed in several cancer cell types and promotes tumor progression. Like all other channels in the KCNH family, EAG1 channels have a large intracellular carboxy-terminal region that shares structural similarity with cyclic nucleotide–binding homology domains (CNBHDs). EAG1 channels, however, are not regulated by the direct binding of cyclic nucleotides and have no known endogenous ligands. In a screen of biological metabolites, we have now identified four flavonoids as potentiators of EAG1 channels: fisetin, quercetin, luteolin, and kaempferol. These four flavonoids shifted the voltage dependence of activation toward more hyperpolarizing potentials and slowed channel deactivation. All four flavonoids regulated channel gating with half-maximal concentrations of 2–8 µM. The potentiation of gating did not require the amino-terminal or post-CNBHD regions of EAG1 channels. However, in fluorescence resonance energy transfer and anisotropy-based binding assays, flavonoids bound to the purified CNBHD of EAG1 channels. The CNBHD of KCNH channels contains an intrinsic ligand, a conserved stretch of residues that occupy the cyclic nucleotide–binding pocket. Mutations of the intrinsic ligand in EAG1 (Y699A) potentiated gating similar to flavonoids, and flavonoids did not further potentiate EAG1-Y699A channels. Furthermore, the Y699A mutant CNBHD bound to flavonoids with higher affinity than wild-type CNBHD. These results suggest that the flavonoids identified here potentiated EAG1 channels by binding to the CNBHD, possibly by displacing their intrinsic ligand. EAG1 channels should be considered as a possible target for the physiological effects of flavonoids. PMID:23440277

  3. Estudo farmacobotânico comparativo de folhas de Turnera chamaedrifolia Cambess. e Turnera subulata Sm. (Turneraceae Comparative and pharmacobotanical study of the leaves of Turnera chamaedrifolia Cambess. and Turnera subulata Sm. (Turneraceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Danila de Araújo Barbosa

    2007-09-01

    Full Text Available Neste trabalho realizou-se um estudo farmacobotânico comparativo entre as folhas de Turnera chamaedrifolia Cambess. e Turnera subulata Sm. (Turneraceae, espécies cujas folhas são usadas na medicina popular. As identificações botânicas e as morfodiagnoses macroscópicas foram realizadas após estudos morfológicos. Para as morfodiagnoses microscópicas realizaram-se secções paradérmicas e transversais de folhas (lâmina e pecíolo, que foram posteriormente clarificadas em hipoclorito (1% e coradas com safranina hidroalcoólica e safrablue. As duas espécies compartilham o mesmo tipo de estômato, paracítico, entretanto, T. chamaedrifolia possui folhas com a epiderme hipoestomática, com células de paredes ondeadas; o mesofilo dorsiventral; e a vascularização do pecíolo com três feixes nas porções distal e mediana, e apenas um feixe na proximal. Em T. subulata a epiderme é anfi-hipoestomática, com paredes sinuosas; mesofilo isobilateral; e a vascularização do pecíolo possui um feixe na porção distal e três feixes nas porções mediana e proximal. A morfologia das estruturas vegetativas e reprodutivas associada à anatomia foliar são caracteres distintivos para estas espécies.This work is a comparative pharmacobotanical study between the leaves of Turnera chamaedrifolia Cambess. and Turnera subulata Sm. (Turneraceae, which are used in folk medicine. The botanical identifications and macroscopical morphodiagnosis were done after morphological studies. The microscopical morphodiagnosis was carried out by paradermic and transversal cuts of the leaves (blade and petiole, clarified and coloured with safranin and astrablue. The leaves of T. chamaedrifolia have hypostomatics epidermis, with wavy cells walls; the mesophyll is dorsiventral; and the vascular system of the peciole has three vascular bundles in the distal and medium portions, and only one, in the proximal portion. T. subulata has amphihypostomatic epidermis, with

  4. Estudo morfoanatômico preliminar do caule e da folha de Acanthospermum australe (Loefl. Kuntze (Asteraceae-Heliantheae A preliminary morphological and anatomical study of the stem and leaf of Acanthospermum australe (Loefl. Kuntze (Asteraceae-Heliantheae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Lúcia R. Rocha Martins

    2006-03-01

    Full Text Available Descrições morfoanatômicas preliminares do caule e da folha de Acanthospermum australe (Loefl. Kuntze foram realizadas a partir de material vegetal fresco e fixado. Secções transversais e paradérmicas, coradas com safranina/azul de astra e azul de toluidina foram analisadas ao microscópio. As superfícies do caule e da folha foram observadas através de microscopia eletrônica de varredura. A. australe apresenta, tanto no caule quanto na folha, tricomas tectores pluricelulares, unisseriados e de extremidades afiladas, e glandulares discóides, com pedúnculo curto unicelular, no qual se prendem cinco séries de células. A folha é anfiestomática e os estômatos são do tipo anomocítico, levemente proeminentes em relação ao nível das demais células epidérmicas. O caule apresenta crescimento secundário inicial, destacando-se os ductos secretores no parênquima cortical e medular.Preliminary morphological and anatomical descriptions of stem and leaf of Acanthospermum australe (Loefl. Kuntze were made in fresh and fixed material. Cross and superficial sections, stained with safranin/astra blue and Toluidine blue were analyzed at the light microscopic and the images were acquired by means the program Image Pro-Plus, version 4.0 (Media Cybertecnics. The surface of the stem and leaf were observed through scanning electronic microscopy. The species presents in the stem and leaf surface multicellular nonglandular trichome, uniseriate with a pointed edge and multicellular glandular trichome like a disk with a unicellular peduncle, in which is attached a series of five cells. The leaf presents anomocytic stomata in both surfaces a little prominent in relation to the level of the epidermal cells. The stem presents an initial secondary growth with evident secretory ducts in the cortex and pith.

  5. O marketing das cidades

    OpenAIRE

    Almeida, Clarinda da Costa

    2004-01-01

    O Marketing das Cidades, é uma área de aplicação do Marketing, com crescente importância para o desenvolvimento e crescimento de cidades, regiões, países, no limite de qualquer lugar. É o processo de gestão que é desenvolvido nas cidades para atender à satisfação das necessidades e desejos de indivíduos e organizações. Assim pretende-se, neste artigo, descrever e analisar o uso e a importância das ferramentas de marketing no desenvolvimento das cidades, através da elaboração de um modelo p...

  6. NEWSPAPERS FOLHA DE SÃO PAULO E CORREIO BRAZILIENSE: WHAT THEY SAY ABOUT THE PROGRAM MORE DOCTORS?

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Indyara de Araujo Morais

    2014-12-01

    Full Text Available Analyzes publications related More Medical Program from July to September of 2013 and its impact on Correio Braziliense and Folha de São Paulo. This is a descriptive study using a qualitative-quantitative methodology. The analyzed and related data represent what the program takes in print. 363 publications were found, 262 in Folha de São Paulo and 101 in Correio. The word "Doctor" appeared in more titles, and Folha de São Paulo were 110 negative titles; to Correio neutral character was in 50 publications. In the character of news, 178 of these are pessimistic. The "neutral" and 101 representing "optimistic" 83. Was found that the media is critical to the impact of the program, but the truth is not apparent, but the opinion of journalists who wrote the stories related to the theme.

  7. Conservação e fisiologia pós-colheita de folhas de Capuchinha (Tropaeolum majus L. Conservation and postharvest physiology of leaves Capuchin (Tropaeolum majus L.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    W.S. Ribeiro

    2011-01-01

    Full Text Available Este trabalho teve como objetivo avaliar a vida útil pós-colheita de folhas de Capuchinha (Tropaeolum majus L. embaladas com filme PVC de baixa densidade e proteínas nas concentrações de 1, 3 e 5%. O experimento foi conduzido no Laboratório de Química e Bioquímica do Centro de Ciências Agrárias (CCA da Universidade Federal da Paraíba (UFPB Areia - PB. As folhas de Capuchinha colhidas no CCA foram levadas imediatamente ao Laboratório de Química e Bioquímica, para pré-seleção, desinfestação em água clorada contendo 100mg.L-1 de cloro ativo, e seca à temperatura ambiente. Após o controle fitossanitário, as folhas foram submetidas aos seguintes tratamentos: solução de proteína nas concentrações de 1, 3 e 5%, filme PVC de baixa densidade e a testemunha sem recobrimento. As folhas foram armazenadas durante cinco dias em temperatura média de 26 - 29ºC e umidade relativa média de 59,5 - 71,5% e outra parte foi armazenada em câmara fria com temperatura média de 12 ± 0,5 ºC e umidade relativa média de 95 ± 3%. Durante o período de armazenamento as folhas foram avaliadas quanto à perda de massa fresca, determinação de ácido ascórbico, sólidos solúveis e acidez titulável. O armazenamento durante quatro dias sob refrigeração a temperatura média de 12 ± 0,5ºC associada ao recobrimento com filme PVC mostrou melhores resultados na conservação da vida útil pós-colheita das folhas de Capuchinha.This study aimed to evaluate the shelf-life of Capuchin sheets (Tropaeolum majus L. packed with plastic wrap and low density proteins at concentrations of 1, 3 and 5%. The experiment was conducted at the Laboratório de Química e Bioquímica and the Centro de Ciências Agrárias (CCA of the Universidade Federal da Paraíba (UFPB Areia - PB. Capuchin leaves harvested in the CCA were taken immediately to the Laboratório de Química e Bioquímica, for pre-screening, disinfection in chlorinated water containing 100mg.L-1

  8. A REDUÇÃO DA MAIORIDADE PENAL NA FOLHA DE S. PAULO: DA RAZÃO À EMOÇÃO

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marília De Nardin Budó

    2015-10-01

    Full Text Available Ondas de punitivismo dirigidas a adolescentes entram e saem do discurso público ciclicamente. O engajamento da mídia hegemônica nesse tema é o objeto deste estudo, que pretende responder à questão: de que maneira o principal jornal impresso do Brasil interagiu com as propostas criminalizadoras e infracionalizadoras provenientes da esfera política e das demandas da opinião pública em seus editoriais, desde o surgimento do Estatuto da Criança e do Adolescente até o presente? O trabalho apresenta uma pesquisa exploratória da bibliografia sobre a atuação da mídia e suas consequências políticas na formação e aprofundamento de pânicos morais sobre a criminalidade juvenil. Na segunda parte, traz os resultados da análise de discurso dos editoriais do jornal Folha de S. Paulo. Os resultados apontam para uma mudança de postura do jornal, a partir de 2007, mantendo a contrariedade à redução da maioridade, mas apoiando o aumento do prazo de internação para dez anos. Apesar de no discurso apelar à razão, é a emoção que se sobressai na sustentação daquela política.

  9. O mal-estar no jornalismo: uma reflexão sobre as doenças mentais no discurso da Folha de S. Paulo a partir dos teóricos frankfurtianos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Denise Cristina Ayres Gomes

    2015-08-01

    Full Text Available O artigo analisa a representação dos transtornos psiquiátricos no jornal Folha de S. Paulo. O corpus é constituído por 29 matérias do ano de 2011. O estudo toma por base a teoria crítica e a psicanálise que fundamentam a concepção frankfurtiana do modelo psíquico do homem liberal. O artigo aborda os autores Erick Fromm (1984, Max Horkheimer (1976; 1985, Theodor Adorno (1992, enfoca os conceitos de sociedade unidimensional de Herbert Marcuse (1973, e patologia da modernidade de Jürgen Habermas (FREITAG, 1995. A análise revela a predominância das depressões, pânico e toxicomanias.

  10. Estudos anatômicos de folhas de plantas daninhas: I - Nicandra physaloides, Solanum viarum, Solanum americanum e Raphanus raphanistrum Anatomical studies of weed leaves: I - Nicandra physaloides, Solanum viarum, Solanum americanum and Raphanus raphanistrum

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    E.A. Ferreira

    2002-08-01

    Full Text Available O objetivo deste trabalho foi estudar a anatomia das folhas das espécies de plantas daninhas Nicandra physaloides (joá-de-capote, Solanum viarum (joá-bravo, Solanum americanum (maria-pretinha e Raphanus raphanistrum (nabiça, visando obter melhor entendimento sobre as barreiras que cada espécie impõe à penetração dos herbicidas. Folhas completamente expandidas do terceiro ao quinto nó foram coletadas de plantas de ocorrência espontânea no campo. Das folhas de cada espécie foram obtidas três amostras da região central mediana, com aproximadamente 1 cm², as quais foram utilizadas em estudos da estrutura, clarificação e nas observações em microscópio eletrônico de varredura (MEV. Todas as espécies avaliadas são anfiestomáticas. O principal obstáculo foliar à penetração de herbicidas constatado em N. physaloides foi a alta densidade tricomática. Já em relação a S. viarum, baixa densidade estomática na face adaxial, alta densidade tricomática, presença de placas de cera epicuticular e grande espessura das cutículas foram as principais barreiras detectadas. S. americanum apresentou como principais obstáculos foliares à penetração de herbicidas a baixa densidade estomática na face adaxial e a grande espessura da cutícula da face adaxial, sendo esta última a única barreira constatada nas folhas de R. raphanistrum.This research aimed to study the leaf anatomy of the weed species Nicandra physaloides, Solanum viarum, Solanum americanum and Raphanus raphanistrum to acquire a better understanding of the barriers each species imposes upon herbicide penetration. Completely expanded leaves from the third to the fifth node were collected from plants spontaneously occurring in field. Three samples, with approximately 1 cm², were taken at the central portion of the leaves in each species. These samples were used in structural studies, clarification and observation using a scanning-electron microscope (SEM. All species

  11. Características da planta, teores de nitrogênio na folha e produtividade de tubérculos de cultivares de batata em função de doses de nitrogênio

    OpenAIRE

    2007-01-01

    O objetivo do trabalho foi avaliar o efeito de doses de nitrogênio (N) sobre a produtividade de tubérculos e sobre as seguintes variáveis determinadas na quarta folha de cultivares de batata (Solanum tuberosum): intensidade do verde (medida pelo índice SPAD e por tabela de cor), índices fisiológicos (área, comprimento, largura, número de folíolos e massa das matérias fresca e seca) e índices de N (teores de NO3 na seiva do pecíolo e de N na matéria seca). Foram realizados quatro experimentos,...

  12. Flavonoids: biosynthesis, biological functions, and biotechnological applications

    Science.gov (United States)

    Falcone Ferreyra, María L.; Rius, Sebastián P.; Casati, Paula

    2012-01-01

    Flavonoids are widely distributed secondary metabolites with different metabolic functions in plants. The elucidation of the biosynthetic pathways, as well as their regulation by MYB, basic helix-loop-helix (bHLH), and WD40-type transcription factors, has allowed metabolic engineering of plants through the manipulation of the different final products with valuable applications. The present review describes the regulation of flavonoid biosynthesis, as well as the biological functions of flavonoids in plants, such as in defense against UV-B radiation and pathogen infection, nodulation, and pollen fertility. In addition, we discuss different strategies and achievements through the genetic engineering of flavonoid biosynthesis with implication in the industry and the combinatorial biosynthesis in microorganisms by the reconstruction of the pathway to obtain high amounts of specific compounds. PMID:23060891

  13. Flavonoids: Biosynthesis, Biological functions and Biotechnological applications

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria Lorena eFalcone Ferreyra

    2012-09-01

    Full Text Available Flavonoids are widely distributed secondary metabolites with different metabolic functions in plants. The elucidation of the biosynthetic pathways, as well as their regulation by MYB, bHLH and WD40-type transcription factors, has allowed metabolic engineering of plants through the manipulation of the different final products with valuable applications. The present review describes the regulation of flavonoid biosynthesis, as well as the biological functions of flavonoids in plants, such as in defense against UV-B radiation and pathogen infection, nodulation, pollen fertility. In addition, we discuss different strategies and achievements through the genetic engineering of flavonoid biosynthesis with implication in the industry and the combinatorial biosynthesis in microorganisms by the reconstruction of the pathway to obtain high amounts of specific compounds.

  14. Structure-cytotoxicity relationships for dietary flavonoids

    DEFF Research Database (Denmark)

    Breinholt, V.; Dragsted, L.O.

    1998-01-01

    The cytotoxicity of a large series of dietary flavonoids was tested in a non-tumorigenic mouse and two human cancer cell lines, using the neutral red dye exclusion assay. All compounds tested exhibited a concentration-dependent cytotoxic action in the employed cell lines. The relative cytotoxicity...... of the flavonoids, however, Tvas found to vary greatly among the different cell Lines. With a few exceptions, the investigated flavonoids were more cytotoxic to the human cancer cell lines, than the mouse cell line. The differences in cytotoxicity were accounted for in part by differences in cellular uptake...... and metabolic capacity among the different cell types. In 3T3 cells fairly consistent structure-cytotoxicity relationships were found. The most cytotoxic structures tested in 3T3 cells were flavonoids with adjacent 3',4' hydroxy groups on the B-ring, such as luteolin, quercetin, myricetin, fisetin, eriodictyol...

  15. Some new external flavonoids from American ferns

    Energy Technology Data Exchange (ETDEWEB)

    Wollenweber, E.

    1979-01-01

    American gymnogrammoid ferns have been analysed for the flavonoid aglycones present in frond exudates. They are predominantly methylated chalcones, dihydrochalcones, flavones, and flavonols, occurring mostly as farinose deposit (''ceraceous indument''). This is the first report of external flavonoids on Pterozonium species; a chalcone has been identified. On Cheilanthes kaulfussii and Cheilanthes viscida traces of flavonoid aglycones are observed, dissolved in lipophilic exudate material. On Pellaea longimucronata a flavonol is found even on leaves which appear glaucous. 2',4',6'-Trihydroxychalcone is found for the second time in the plant kingdom on Adiantum sulphureum. Galangin-3,7-dimethylether is found as a new natural flavonol on Cheilanthes kaulfussii. In addition, samples of Pityrogramma chrysoconia and Pit. triangularis var. maxonii have been investigated. The results indicate chemotaxonomic implication of flavonoid patterns.

  16. Wine Flavonoids in Health and Disease Prevention

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Iva Fernandes

    2017-02-01

    Full Text Available Wine, and particularly red wine, is a beverage with a great chemical complexity that is in continuous evolution. Chemically, wine is a hydroalcoholic solution (~78% water that comprises a wide variety of chemical components, including aldehydes, esters, ketones, lipids, minerals, organic acids, phenolics, soluble proteins, sugars and vitamins. Flavonoids constitute a major group of polyphenolic compounds which are directly associated with the organoleptic and health-promoting properties of red wine. However, due to the insufficient epidemiological and in vivo evidences on this subject, the presence of a high number of variables such as human age, metabolism, the presence of alcohol, the complex wine chemistry, and the wide array of in vivo biological effects of these compounds suggest that only cautious conclusions may be drawn from studies focusing on the direct effect of wine and any specific health issue. Nevertheless, there are several reports on the health protective properties of wine phenolics for several diseases such as cardiovascular diseases, some cancers, obesity, neurodegenerative diseases, diabetes, allergies and osteoporosis. The different interactions that wine flavonoids may have with key biological targets are crucial for some of these health-promoting effects. The interaction between some wine flavonoids and some specific enzymes are one example. The way wine flavonoids may be absorbed and metabolized could interfere with their bioavailability and therefore in their health-promoting effect. Hence, some reports have focused on flavonoids absorption, metabolism, microbiota effect and overall on flavonoids bioavailability. This review summarizes some of these major issues which are directly related to the potential health-promoting effects of wine flavonoids. Reports related to flavonoids and health highlight some relevant scientific information. However, there is still a gap between the knowledge of wine flavonoids

  17. Tributos sobre a folha ou sobre o faturamento? Efeitos quantitativos para o Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Tiago V Cavalcanti

    2008-09-01

    Full Text Available Este artigo estuda os impactos alocativos e de bem-estar de uma reforma tributária que substitui os impostos sobre a folha de salários por outro que incide sobre a receita. Para isso, desenvolve-se um modelo neoclássico de crescimento econômico com impostos sobre a receita e sobre a folha de salários. As simulações com parâmetros da economia brasileira mostram que tal reforma tributária tem um efeito negativo no bem-estar, no estoque de capital de longo prazo e consequentemente no produto per capita de longo prazo. Contudo, o emprego aumenta.This paper studies the impacts of a tax reform which substitutes taxes on labor income by taxes on total revenue. In order to accomplish that, we construct and solve a general equilibrium neoclassical growth model with taxes on labor income and total revenue. The numerical simulations with Brazilian parameters show that such tax reforms would negatively affect welfare, the capital stock, and consequently per capita output. However, employment would increase. Such effects are quantitatively important.

  18. Valor nutricional de farinha de trigo combinada com concentrado protéico de folha de mandioca Nutritional value of wheat flour mixed with cassava leaf protein concentrate

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ricardo Bryan Heinemann

    1998-06-01

    Full Text Available Alimentos não convencionais, como a folha de mandioca, contendo cerca de 20% de proteína em base seca, vêm sendo empregados freqüentemente na alimentação humana como alternativa alimentar. O uso da proteína da folha de mandioca na forma de concentrado possibilita eliminar parte do material residual da folha, facilitando sua incorporação a diversos alimentos habituais como cereais, aumentando seu valor protéico. Esta pesquisa visou avaliar a qualidade protéica de misturas feitas à base de farinha de trigo e concentrado protéico de folha de mandioca (CPFM, nos níveis de 5 e 10 % em relação ao peso da farinha. O CPFM foi obtido através da trituração das folhas frescas com hidróxido de sódio 0,1 N, seguido de filtragem, precipitação da proteína do "suco" através de fermentação natural, homogeneização do precipitado e desidratação em spray dryer. Determinou-se a composição centesimal do CPFM (proteína 36,36%, fibras 3,79%, lipídios 12,26%, cinzas 8,59% e carboidratos 39,0%. O CPFM apresentou um bom perfil de aminoácidos, exceto metionina que se apresentou como limitante. Apesar da farinha de trigo ter aumentado seu escore químico com a adição de CPFM, a deficiência de lisina ainda prevaleceu. Ensaio biológico foi conduzido para determinar a qualidade protéica das misturas de farinha de trigo com CPFM. Não houve diferença significativa no ganho de peso dos ratos alimentados com dietas de farinha de trigo com ou sem adição de CPFM, sendo todas inferiores à dieta de caseína. Os valores de eficiência líquida protéica foram respectivamente 2,03, 1,98, 2,15 e 4,61 para dietas com zero, 5 e 10% de CPFM e de caseína. Houve redução significativa da digestibilidade com adição crescente de CPFM à farinha de trigo, sendo de 99,6% para farinha sem adição, 96,6% para dieta com 5% e 90,1% para dieta com 10% de CPFM, em relação à caseína. Portanto, embora o perfil de aminoácidos e escore qu

  19. Antioxidant flavonoids bind human serum albumin

    Science.gov (United States)

    Kanakis, C. D.; Tarantilis, P. A.; Polissiou, M. G.; Diamantoglou, S.; Tajmir-Riahi, H. A.

    2006-10-01

    Human serum albumin (HSA) is a principal extracellular protein with a high concentration in blood plasma and carrier for many drugs to different molecular targets. Flavonoids are powerful antioxidants and prevent DNA damage. The antioxidative protections are related to their binding modes to DNA duplex and complexation with free radicals in vivo. However, flavonoids are known to inhibit the activities of several enzymes such as calcium phospholipid-dependent protein kinase, tyrosine protein kinase from rat lung, phosphorylase kinase, phosphatidylinositol 3-kinase and DNA topoisomerases that exhibit the importance of flavonoid-protein interaction. This study was designed to examine the interaction of human serum albumin (HSA) with quercetin (que), kaempferol (kae) and delphinidin (del) in aqueous solution at physiological conditions, using constant protein concentration of 0.25 mM (final) and various drug contents of 1 μM-1 mM. FTIR and UV-vis spectroscopic methods were used to determine the polyphenolic binding mode, the binding constant and the effects of flavonoid complexation on protein secondary structure. The spectroscopic results showed that flavonoids are located along the polypeptide chains through H-bonding interactions with overall affinity constant of Kque = 1.4 × 10 4 M -1, Kkae = 2.6 × 10 5 M -1 and Kdel = 4.71 × 10 5 M -1. The protein secondary structure showed no alterations at low pigment concentration (1 μM), whereas at high flavonoid content (1 mM), major reduction of α-helix from 55% (free HSA) to 42-46% and increase of β-sheet from 15% (free HSA) to 17-19% and β-anti from 7% (free HSA) to 10-20% occurred in the flavonoid-HSA adducts. The major reduction of HSA α-helix is indicative of a partial protein unfolding upon flavonoid interaction.

  20. A New Flavonoid from Oxytropis kansuensis

    Institute of Scientific and Technical Information of China (English)

    Jun Xi LIU; Xin Yi HUANG; Duo Long DI; Sheng Xiang JIANG

    2006-01-01

    A new flavonoid 1 rhamnocitrin-3-O-(6"-feruloyl)-β-D-galactopyranoside-4'-O-β-D-glucospyranoside called kansuensisoside A together with a known flavonoid 2 (rhamnocitrin3-O-β-D-galactopyranoside-4'-O-β-D-glucospyranoside) were isolated from the extract of the whole plant of Oxytropis kansuensis Bunge. The structure of 1 was elucidated by spectroscopic methods including 2D-NMR techniques (COSY, HMQC, HMBC) and HR-ESIMS.

  1. Das berufliche und das private Geschlecht

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Almut Sülzle

    2006-07-01

    Full Text Available Jutta Wergen untersucht Geschlechterkonstruktionen in Männerberufen, indem sie Frauen befragt, die als Lkw-Fahrerinnen, als Binnenschifferinnen und als Bus- bzw Straßenbahnfahrerinnen im öffentlichen Nahverkehr arbeiten. Dabei kann sie zeigen, dass diese Berufe sehr unterschiedliche Kontexte für Geschlechterarrangements zur Verfügung stellen, von traditioneller Arbeitsteilung bis zur Umkehrung derselben. Der Kern der Erkenntnis dieser Arbeit, das sei hier schon vorweggenommen, ist bestechend und zugleich faszinierend einfach: die Trennung in ein „professionelles“ und ein „privates“ Geschlecht.

  2. Estudo fitoquímico de folhas de Solanum lycocarpum A. St.-Hil (Solanaceae e sua aplicação na alelopatia Phytochemistry of Solanum lycocarpum A.St.-Hil (Solanaceae leaves and their application in allelopathy

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Sarah Christina Caldas Oliveira

    2012-09-01

    Full Text Available Solanum lycocarpum A.St.-Hil (Solanaceae é um arbusto típico da região central do Brasil (Cerrado. A atividade alelopática do extrato aquoso de folhas e frutos dessa espécie já foi verificada em estudos anteriores. O objetivo desse trabalho foi avaliar a atividade alelopática de diferentes extratos de S. lycocarpum na germinação e crescimento de quatro espécies-alvo. As folhas foram coletadas, secas e trituradas e submetidas a dois métodos distintos de extração: 1- líquido-líquido (acetato de etila e diclorometano do extrato aquoso das folhas e 2- com solventes em polaridade crescente (hexano, diclorometano, acetato de etila, acetona, metanol e água diretamente das folhas. Cada extração foi realizada com equipamento de ultrassom durante uma hora, filtrado e evaporado. Desses extratos, soluções de 800, 400 e 200 ppm foram preparadas, e água e Logran® foram usados como controle positivo e negativo, respectivamente. Cada solução, bem como os controles, foi dissolvida em DMSO para os bioensaios. As espécies alvo usadas foram: alface, agrião, tomate e cebola. Cada placa era composta de 20 sementes e foi adicionado 1 mL de solução teste com 4 repetições. As placas foram incubadas a 25 ºC no escuro. Posteriormente, as plântulas tiveram suas partes aéreas e raízes medidas e a porcentagem de germinação e inibição calculada para cada extrato. Tomate foi a espécie que mostrou maior sensibilidade para todos os extratos, seguido de agrião, cebola e alface. Os extratos que tiveram maior atividade foram o acetato de etila, acetona e as extrações líquido-líquido, indicando as frações que devem conter os princípios ativos da folha dessa espécie.Solanum lycocarpum A.St.-Hil (Solanaceae is a typical shrub in the Cerrado of central Brazil. The allelopathic activity of aqueous extracts of the leaves and fruits of this species has already been proven in previous studies. The goal of this work was to verify the

  3. FILAMENTOUS FUNGI ISOLATED FROM LEAVES IN DECOMPOSITION IN THE GUARAPIRANGA RESERVOIR, SÃO PAULO, SP = FUNGOS FILAMENTOSOS ISOLADOS DE FOLHAS EM DECOMPOSIÇÃO NA REPRESA DE GUARAPIRANGA, SÃO PAULO, SP

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Sâmia Maria Tauk-Tornisielo

    2007-01-01

    Full Text Available In this study, the mycota diversity of decomposing leaves was surveyed from seven bimonthly collections (August/1997 to ugust/1998 in the terrestrial and aquatic environments in six collection stations along the borders of the Guarapiranga reservoir, in São Paulo, SP. The fungi isolation was carried out using the leaf disk washing technique, followed by plating on culture media (Potato dextrose agar. Macro and micronutrients were determined in the remaining aliquots of the leaves, and during the collections, parameters such as pH, conductivity, dissolved oxygen (OD and water temperature were also determined. The fungi associated with the decomposing leaves of the terrestrial (46 taxa and aquatic (54 taxa environments presented high similarity (68% between them. The mycota included cosmopolite fungi groups, with predominance of Penicillium, Fusarium, Trichoderma and Pestalotiopsis species. The possible influence of climatic factors was different in the two environments. Three antropic effects on the leaf nutrient content were observed, as well as on the fungi diversity and quantity: the dumping of organic pollutants, copper sulfate application in the water, and the vegetation modification of the reservoir. = No presente estudo, são apresentados os resultados sobre o levantamento da diversidade da micota das folhas em decomposição, de sete coletas bimestrais (agosto de 1997 a agosto de 1998 em ambientes terrestre e aquático localizados nas seis estações de coleta às margens da Represa do Guarapiranga, no município de São Paulo, SP. O isolamento dos fungos foi realizado através da técnica de lavagem de discos de folhas que foram plaqueados em meio de cultura (batata-dextrose-ágar, BDA. Macro e micronutrientes foram determinados nas alíquotas remanescentes das folhas, e durante as coletas foram determinados o pH, condutividade, oxigênio dissolvido (OD e a temperatura da água. Os fungos associados às folhas em decomposição do

  4. Análise estrutural de folhas de Eugenia uniflora L. (Myrtaceae coletadas em ambientes rural e urbano, SP, Brasil Leaf anatomy of Eugenia uniflora L. (Myrtaceae in urban and rural environments, São Paulo State, Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Edenise Segala Alves

    2008-03-01

    Full Text Available Objetivou-se com este estudo verificar se plantas de Eugenia uniflora que crescem na cidade de São Paulo, diferem quanto à estrutura foliar, de exemplares encontrados em área rural, isenta de poluentes aéreos urbanos. Foram avaliadas, comparativamente, as dimensões da folha e, em microscopia de luz, a espessura dos tecidos foliares, a densidade de estômatos e de cristais da espécie, coletada em área rural e em dois pontos da cidade de São Paulo: canteiro central da Avenida dos Bandeirantes, com tráfego veicular intenso, portanto com alta carga de poluentes primários, e no Parque Estadual das Fontes do Ipiranga (PEFI submetido a altas concentrações de poluentes secundários. Buscaram-se variações que possam ser decorrentes da poluição urbana. As folhas coletadas no meio urbano mostraram menores dimensões, menor espessura do mesofilo, maior densidade estomática e maior quantidade de cristais. A espessura do parênquima lacunoso sofreu redução, quando se comparam as plantas do ambiente rural e urbano; observou-se a menor espessura nas folhas submetidas a poluentes secundários. Não foram observadas variações qualitativas entre as folhas dos três locais avaliados. Considerando que folhas coletadas no meio urbano variaram menos entre si, quando comparadas àquelas de área rural, acredita-se que a poluição aérea da cidade possa ser responsável, pelo menos em parte, pelas variações observadas. Exposições padronizadas, em ambiente monitorado, devem ser realizadas para comprovar tal hipótese.The aim of this study was to compare leaves of Eugenia uniflora from the city of São Paulo with leaves of plants from a rural site. Leaf size, tissue thickness, and stomatal and crystal density of E. uniflora growing at two sites in the city of São Paulo were investigated by light microscopy and compared with samples from a rural area. The level and types of air pollutants varied at the urban sites. Primary pollutants were present

  5. Flavonoids and oxidative stress in Drosophila melanogaster.

    Science.gov (United States)

    Sotibrán, América Nitxin Castañeda; Ordaz-Téllez, María Guadalupe; Rodríguez-Arnaiz, Rosario

    2011-11-27

    Flavonoids are a family of antioxidants that are widely represented in fruits, vegetables, dry legumes, and chocolate, as well as in popular beverages, such as red wine, coffee, and tea. The flavonoids chlorogenic acid, kaempferol, quercetin and quercetin 3β-d-glycoside were investigated for genotoxicity using the wing somatic mutation and recombination test (SMART). This test makes use of two recessive wing cell markers: multiple wing hairs (mwh) and flare (flr(3)), which are mutations located on the left arm of chromosome 3 of Drosophila melanogaster and are indicative of both mitotic recombination and various types of mutational events. In order to test the antioxidant capacities of the flavonoids, experiments were conducted with various combinations of oxidants and polyphenols. Oxidative stress was induced using hydrogen peroxide, the Fenton reaction and paraquat. Third-instar transheterozygous larvae were chronically treated for all experiments. The data obtained in this study showed that, at the concentrations tested, the flavonoids did not induce somatic mutations or recombination in D. melanogaster with the exception of quercetin, which proved to be genotoxic at only one concentration. The oxidants hydrogen peroxide and the Fenton reaction did not induce mutations in the wing somatic assay of D. melanogaster, while paraquat and combinations of flavonoids produced significant numbers of small single spots. Quercetin 3β-d-glycoside mixed with paraquat was shown to be desmutagenic. Combinations of the oxidants with the other flavonoids did not show any antioxidant activity.

  6. Feeding preference of Diabrotica speciosa (Ger. (Coleoptera: Chrysomelidae by broccoli leaves from natural, organic and conventional farming systems/ Preferência alimentar de Diabrotica speciosa (Ger. (Coleoptera: Chrysomelidae por folhas de brócolos cultivado em sistema natural, orgânico e convencional

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Pedro Manuel O. J. Neves

    2006-06-01

    Full Text Available Multiple-choice laboratory tests were achieved to compare feeding preference of Diabrotica speciosa (Ger. to leaves of broccoli (Brassica oleraceae L. var. italica from natural, conventional and organic farming systems. Natural farming systems included incorporation of the elephant grass Pennisetum purpureum Schumacher cv. Napier (50 ton/ha, Bokashi compost (1.5 ton/ha and spray of EM 4 (Natural 1, or the incorporation of the Bokashi compost (1.5 ton /ha and spray of EM 4 (Natural 2, and in the conventional, NPK + borax were incorporated in the planting + dressing N and organic compost (1 kg/ plant was incorporated in the organic system. Organic compost was prepared using crop residues of corn (Zea mays L., soybean [Glycine max (L. Mer.], and cattle manure. Leaf discs were collected and placed in cages in multiple-choice tests. Beetles preferred mostly broccoli leaves from conventional farming system than leaves from Natural (1 and 2 and Organic farming systems. Feeding on leaves from Natural 1, Natural 2 and Organic farming system were 68, 67 and 57% of the feeding on leaves from Conventional farming system.Testes de múltipla escola foram realizados para comparar a preferência alimentar de Diabrotica speciosa (Ger. por folhas de brócolos (Brassica oleraceae L. var. italica cultivado em sistema natural, convencional e orgânico. No sistema natural de cultivo houve a incorporação de capim elefante Pennisetum purpureum Schumacher cv. Napier (50 ton/ha, composto Bokashi (1,5 ton/ha e pulverização de EM 4 (Natural 1, ou a incorporação do composto Bokashi (1,5 ton/ha e pulverização do EM 4 (Natural 2, no sistema convencional houve a incorporação do NPK + borax + N em cobertura, e no sistema orgânico incorporouse composto orgânico (1 kg/planta. O composto orgânico foi preparado utilizando-se resíduos de milho (Zea mays L. e soja [Glycine max (L. Mer.] e esterco de gado. Folhas foram retiradas das plantas das quais foram separados

  7. Kinetics of drying of basil leaves (Ocimum basilicum L. in the infrared Cinética de secagem de folhas de manjericão (Ocimum basilicum L. via infravermelho

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Renata C. dos Reis

    2012-12-01

    Full Text Available The objective of this paper was to model the drying curves of the leaves of basil (Ocimum basilicum L. in the infrared at temperatures of 50, 60, 70 and 80 ºC and to evaluate the influence of drying temperature on the color of dried leaves. Drying was conducted in infrared dryer with temperature and greenhouse air circulation. Experimental data were fitted to eight mathematical models. The magnitude of the coefficient of determination (R², the mean relative error (P, the estimated mean error (SE and chisquare test (χ2 were used to verify the degree of fitness of the models. From the study it was concluded that: a the behavior of the drying curves of basil leaves was similar to most agricultural products, the drying times in the infrared were less than the drying times in an oven with air circulation, b the mathematical drying model proposed by Midilli et al. (2002 was the one which best adjusted to the experimental data, c the diffusion coefficient ranged from 9.10 x 10-12 to 2.92 x 10-11 m² s-1 and d the color of the samples was highly influenced by drying, becoming darker due to loss of chlorophyll with increasing temperature.Objetivou-se, neste trabalho, determinar, modelar as curvas de secagem das folhas de Manjericão (Ocimum basilicum L. por infravermelho nas temperaturas de 50, 60, 70 e 80 ºC e avaliar a influência das temperaturas de secagem na cor das folhas desidratadas. A secagem foi conduzida em secador infravermelho com controle de temperatura e em estufa com circulação de ar. Aos dados experimentais foram ajustados oito modelos matemáticos. As magnitudes do coeficiente de determinação (R², do erro médio relativo (P, do erro médio estimado (SE e do teste do qui-quadrado (χ² foram utilizadas para verificar o grau de ajuste dos modelos. Do estudo concluiu-se que: a o comportamento das curva s de secagem das folhas de manjericão foi semelhante ao da maioria dos produtos agrícolas; os tempos de secagem no infravermelho

  8. Das Risiko der Landschaft

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Mosé Ricci

    2012-08-01

    Full Text Available Die italienischen Landschaften sind in Gefahr wegen der immer zunehmenden Umweltschaeden, und es ist noetig, ueber diese Notstandlage, die nicht allen bewusst ist, nachzudenken. Wir leben in einen zweideutigen Zustand, in welchem theoretisch alle die Unversehrtheit des Landes verteidigen, aber dann einen Lebensstil fuehren, der nicht die Systeme der Umwelt und der Landschaft schuetzt. Achgeben auf das Risiko der Landschaft hat eine doppelte Bedeutung, fuer das kollektive Gewissen und fuer die Regelung des Territoriums. Die Analyse der Gefahr fuer die Landschaft, der Kompetenz der Forschung ueber den Kulturschatz Italiens, hat die Unterstuetzung der “Carta del rischio del ministero per i beni e le attività culturali”. Um diese in Kraft treten zu lassen, ist es noetig, das Landschaftsgut aus Vermoegensanschauungen zu definieren, so wie in der Europaischen Konvention und aus Juristischer Sicht vorgesehen ist. In dieser Optik kann die Planung und Aenderung des Territoriums als Punkt der Risikokontrolle angesehen werden.

  9. Das Reflektierende Team

    DEFF Research Database (Denmark)

    Lorensen, Marlene Ringgaard; Gaarden, Marianne

    2015-01-01

    Bedeutungszuschreibungen. Marianne Gaardens Forschung zeigt, dass zwischen Predigenden und Hörenden ein ›dritter Raum‹ entsteht, wie sie das nennt. Dabei handelt es sich um einen liminalen, rituell konturierten Raum, in dem Hörende Predigtelemente rezipieren und in ihre eigenen gelebten Erfahrungen einbauen. Komplementär...... dazu hat Marlene Ringgaard Lorensen das Potenzial des von außen kommenden, dezidiert ›andersartigen‹ Beitrags der Hörenden für die dialogische Predigt im Rückgriff auf Theorien von Mikhail Bakhtin analysiert. Als theologische Grundfigur steht hinter der Arbeit im reflektierenden homiletischen Team also...... intersubjektiv eng verwobenen Gemeinschaft sind. Das Konzept des ›dritten Raumes‹ trägt der Einsicht Rechnung, dass wir im Dialog lernen und uns entwickeln. Es geht nicht darum, dass eine Person die andere überzeugt: Beide verändern sich im fortschreitenden Prozess....

  10. MiDAS

    DEFF Research Database (Denmark)

    McIlroy, Simon Jon; Saunders, Aaron Marc; Albertsen, Mads

    2015-01-01

    The Microbial Database for Activated Sludge (MiDAS) field guide is a freely available online resource linking the identity of abundant and process critical microorganisms in activated sludge wastewater treatment systems to available data related to their functional importance. Phenotypic properties...... communities. The taxonomy can be used to classify unknown sequences, and the online MiDAS field guide links the identity to the available information about their morphology, diversity, physiology and distribution. The use of a common taxonomy across the field will provide a solid foundation for the study...... of microbial ecology of the activated sludge process and related treatment processes. The online MiDAS field guide is a collaborative workspace intended to facilitate a better understanding of the ecology of activated sludge and related treatment processes—knowledge that will be an invaluable resource...

  11. Flavonoids, Flavonoid Subclasses, and Esophageal Cancer Risk: A Meta-Analysis of Epidemiologic Studies.

    Science.gov (United States)

    Cui, Lingling; Liu, Xinxin; Tian, Yalan; Xie, Chen; Li, Qianwen; Cui, Han; Sun, Changqing

    2016-06-08

    Flavonoids have been suggested to play a chemopreventive role in carcinogenesis. However, the epidemiologic studies assessing dietary intake of flavonoids and esophageal cancer risk have yielded inconsistent results. This study was designed to examine the association between flavonoids, each flavonoid subclass, and the risk of esophageal cancer with a meta-analysis approach. We searched for all relevant studies with a prospective cohort or case-control study design published from January 1990 to April 2016, using PUBMED, EMBASE, and Web of Science. Pooled odds ratios (ORs) were calculated using fixed or random-effect models. In total, seven articles including 2629 cases and 481,193 non-cases were selected for the meta-analysis. Comparing the highest-intake patients with the lowest-intake patients for total flavonoids and for each flavonoid subclass, we found that anthocyanidins (OR = 0.60, 95% CI: 0.49-0.74), flavanones (OR = 0.65, 95% CI: 0.49-0.86), and flavones (OR = 0.78, 95% CI 0.64-0.95) were inversely associated with the risk of esophageal cancer. However, total flavonoids showed marginal association with esophageal cancer risk (OR = 0.78, 95% CI: 0.59-1.04). In conclusion, our study suggested that dietary intake of total flavonoids, anthocyanidins, flavanones, and flavones might reduce the risk of esophageal cancer.

  12. UM OLHAR PARA OS PROJETOS EDITORIAIS DA FOLHA DE S. PAULO NA PERSPECTIVA BAKHTINIANA DE GÊNERO DO DISCURSO

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Assunção Cristóvão

    2012-01-01

    Full Text Available Under the Bakhtinian theoretical viewpoint, this paper analyses the newspaper Folha de São Paulo's editorial projects. Aspects such as lexicon, the use of modal verbs and their insertion in the panorama of primary and/or secondary discourse, as proposed by Bakhtin, were observed, in order to, finally, verify which by style the newspaper is nationally known.

  13. Eficiência relativa de fontes de silício no controle de brusone nas folhas em arroz Relative efficiency of silicon sources on rice leaf blast control

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rodrigo Fascin Berni

    2003-02-01

    Full Text Available A adubação silicatada constitui uma das alternativas para diminuir o uso de fungicidas no controle da brusone em arroz. Foi realizado um experimento, durante 1999/2000 e repetido durante 2000/2001, com o objetivo de estudar a eficiência relativa de fontes de silício (Si na redução da severidade da brusone nas folhas da cultivar Metica-1, em área de várzea. Os tratamentos foram três fontes de Si (silicato de alto forno; serpentinito, minério rico em Si e wollastonita, um metasilicato de cálcio natural, em cinco doses (0, 0,5, 1,0, 2,0 e 4,0 Mg ha-1 sem tratamento das sementes ou com tratamento das sementes com o fungicida pyroquilon 200 g de i.a. por 100 kg. A severidade da brusone diminuiu significativamente com o aumento de doses de silício. As relações entre a área sob curva de progresso da doença e as doses, tanto do silicato de alto forno quanto da wollastonita, foram lineares e negativas, com ou sem tratamento de sementes, em ambos os anos do experimento. Os resultados revelam o aumento da eficiência do tratamento das sementes com fungicida na redução da brusone nas folhas com a fertilização silicatada.Silicon fertilization of rice is one of the alternatives for reducing the use of fungicides in the control of rice blast. An experiment was conducted, during 1999/2000 and repeated in 2000/2001, in order to study the efficiency of sources of silicon (Si to reduce leaf blast on rice cultivar Metica-1, cultivated in the low land. The treatments included three sources of Si (high furnace silicate slag, serpentinite ore rich in silicon and wollastonite ore, a native calcium metasilicate at five doses (0, 0.5, 1.0, 2.0 and 4.0 Mg ha-1, with and without fungicide treatment (pyroquilon 200 g a.i. per 100 kg of seed. The blast disease severity decreased with increase in Si doses. The relationship between area under disease progress curve and doses of silicate slag as well as wollastonite were linear and negative, with and without

  14. Remoção de polifenóis da farinha de folhas de mandioca Removal of polyphenols of the flour cassava leaves

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Angelita Duarte Corrêa

    2004-06-01

    Full Text Available A farinha de folhas de mandioca apresenta baixa digestibilidade, mesmo possuindo um teor relativamente elevado em proteínas, principalmente, devido à presença de substâncias como os polifenóis. Visando melhorar o aproveitamento protéico desta farinha, empregaram-se três solventes (água, etanol 50mL/100mL e hidróxido de amônio 1mol/L para remover os polifenóis. Folhas maduras de mandioca foram coletadas na fase vegetativa, em três repetições, colocadas em bandejas de papel e secas à sombra sobre bancadas de madeira, em recinto fechado e arejado, em temperatura ambiente. Após secagem, retiraram-se os pecíolos e as folhas foram moídas e passadas em peneira de 40mesh. A farinha foi submetida, antes e após a remoção dos polifenóis, às análises de umidade, fibra detergente neutra (FDN, fibra detergente ácida (FDA, açúcares totais, proteína bruta, vitamina C total, beta-caroteno, cianeto, inibidor de tripsina, polifenóis e digestibilidade protéica in vitro. Após remoção dos polifenóis, houve diminuição dos teores de açúcares totais, vitamina C total, inibidor de tripsina e polifenóis e aumento de FDN, FDA, proteína bruta, beta-caroteno e digestibilidade protéica in vitro. Dos solventes empregados para remover polifenóis, o hidróxido de amônio foi o mais eficaz, com índice de remoção de 94%, seguido pelo etanol (83% e água (65%. A digestibilidade da proteína in vitro aumentou em 74%, quando o solvente empregado na remoção dos polifenóis foi o hidróxido de amônio.Even featuring a relatively high level in proteins, the flour of cassavaleaves presents low digestibility, mainly, due to the presence of such substances as polyphenols. Seeking to improve the protein availability of such flour, three solvents (water, ethanol 50mL/100mL and ammonium hydroxide 1mol/L were used for the removal of the polyphenols. Mature leaves of cassava were picked in phase of vegetative development, in three repetitions, they

  15. Persimmon leaf flavonoid promotes brain ischemic tolerance**

    Institute of Scientific and Technical Information of China (English)

    Mingsan Miao; Xuexia Zhang; Ming Bai; Linan Wang

    2013-01-01

    Persimmon leaf flavonoid has been shown to enhance brain ischemic tolerance in mice, but its mechanism of action remains unclear. The bilateral common carotid arteries were occluded using a micro clip to block blood flow for 10 minutes. After 10 minutes of ischemic preconditioning, 200, 100, and 50 mg/kg persimmon leaf flavonoid or 20 mg/kg ginaton was intragastrical y administered per day for 5 days. At 1 hour after the final administration, ischemia/reperfusion models were estab-lished by blocking the middle cerebral artery for 2 hours. At 24 hours after model establishment, compared with cerebral ischemic rats without ischemic preconditioning or drug intervention, plasma endothelin, thrombomodulin and von Wil ebrand factor levels significantly decreased and intercel-lular adhesion molecule-1 expression markedly reduced in brain tissue from rats with ischemic pre-conditioning. Simultaneously, brain tissue injury reduced. Ischemic preconditioning combined with drug exposure noticeably improved the effects of the above-mentioned indices, and the effects of 200 mg/kg persimmon leaf flavonoid were similar to 20 mg/kg ginaton treatment. These results indicate that ischemic preconditioning produces tolerance to recurrent severe cerebral ischemia. However, persimmon leaf flavonoid can elevate ischemic tolerance by reducing inflammatory reactions and vascular endothelial injury. High-dose persimmon leaf flavonoid showed an identical effect to ginaton.

  16. THE COVERAGE OF THE FOLHA DE S.PAULO ON THE POSSIBLE THIRD MANDATE

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Merilyn Escobar de Oliveira

    2009-08-01

    Full Text Available The possibility of a new mandate for President Lula guided the public agenda in the last quarter of 2007 and returned to the media scene in April and the first week of May 2008. This article investigates the aspects of journalistic coverage on the “thesis” of the third mandate giving emphasis to the news making, the framing and the outcome. The importance gained by the “thesis” of re-election related directly of the electoral process of 2010 and the futures expectations of the Workers’ Party (PT. This article supports the hypothesis that rhythm of the journalistic coverage, and more precisely, that the news framing was tendentious. Our corpus contemplates publications of the Folha de S. Paulo, the national newspaper of larger circulation in the country.

  17. Estudo anatômico de folha e caule de Pereskia aculeata Mill. (Cactaceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    M.R. Duarte

    2005-06-01

    Full Text Available Pereskia aculeata Mill. (Cactaceae é uma trepadeira arbustiva conhecida comumente como ora-pro-nobis. Apresenta elevado teor de mucilagem e proteína, sendo empregada na indústria alimentícia e farmacêutica. Na medicina popular, é utilizada externamente como emoliente. Este trabalho teve por objetivo estudar a anatomia foliar e caulinar da planta, a fim de fornecer informações complementares à sua identificação e aplicáveis ao seu controle de qualidade. Folhas adultas e fragmentos de caules foram fixados, seccionados à mão livre e corados com azul de astra e fucsina básica ou com azul de toluidina. Testes histoquímicos e análise ultra-estrutural de superfície foram realizados. A folha é simples e elíptica. Possui epiderme uniestratificada, estômatos paracíticos em ambas as faces, mesofilo que tende a ser dorsiventral, contendo numerosas drusas de oxalato de cálcio e células isodiamétricas grandes com conteúdo mucilaginoso. A nervura central é percorrida por um feixe vascular colateral em arco aberto. O pecíolo tem secção plano-convexa e um feixe colateral em formato de arco fechado. O caule, em estrutura secundária incipiente, possui epiderme unisseriada, colênquima angular, parênquima cortical com muitos amiloplastos, calotas de fibras perivasculares e organização vascular colateral. No córtex e na medula, são observadas numerosas cavidades com conteúdo mucilaginoso e drusas de oxalato de cálcio, estas também presentes no floema.

  18. Advances in the biotechnological glycosylation of valuable flavonoids.

    Science.gov (United States)

    Xiao, Jianbo; Muzashvili, Tamar S; Georgiev, Milen I

    2014-11-01

    The natural flavonoids, especially their glycosides, are the most abundant polyphenols in foods and have diverse bioactivities. The biotransformation of flavonoid aglycones into their glycosides is vital in flavonoid biosynthesis. The main biological strategies that have been used to achieve flavonoid glycosylation in the laboratory involve metabolic pathway engineering and microbial biotransformation. In this review, we summarize the existing knowledge on the production and biotransformation of flavonoid glycosides using biotechnology, as well as the impact of glycosylation on flavonoid bioactivity. Uridine diphosphate glycosyltransferases play key roles in decorating flavonoids with sugars. Modern metabolic engineering and proteomic tools have been used in an integrated fashion to generate numerous structurally diverse flavonoid glycosides. In vitro, enzymatic glycosylation tends to preferentially generate flavonoid 3- and 7-O-glucosides; microorganisms typically convert flavonoids into their 7-O-glycosides and will produce 3-O-glycosides if supplied with flavonoid substrates having a hydroxyl group at the C-3 position. In general, O-glycosylation reduces flavonoid bioactivity. However, C-glycosylation can enhance some of the benefits of flavonoids on human health, including their antioxidant and anti-diabetic potential.

  19. Caracterização anatômica de folhas de cafeeiros resistentes e suscetíveis ao bicho-mineiro Anatomical characterization of leaves from coffee plants resistant and susceptible to leaf miner

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Daniel Alves Ramiro

    2004-12-01

    Full Text Available O bicho-mineiro, Leucoptera coffeella (Guérin-Méneville, 1842 (Lepidoptera :Lyonetiidae, é a principal praga da cultura cafeeira, chegando a causar prejuízos superiores a 50% na produção, em virtude da queda prematura das folhas e redução da área fotossintética. O programa de melhoramento genético do cafeeiro do Instituto Agronômico (IAC utiliza a espécie Coffea racemosa como doadora de genes de resistência a L. coffeella para C. arabica. O objetivo deste trabalho foi realizar uma caracterização comparativa do tecido foliar e relacioná-la ao ataque de L. coffeella nas espécies genitoras C. arabica e C. racemosa, e em plantas híbridas oriundas desse cruzamento, com diferentes níveis de resistência, visando fornecer ferramentas para futura identificação dos genes de resistência ao bicho-mineiro. Cortes transversais de folhas foram usados em estudos anatômicos para obter medidas individuais da espessura das cutículas, epidermes, parênquima paliçádico, parênquima lacunoso, espessura total da folha e porcentagem do mesofilo representada pelo parênquima paliçádico. As lesões provocadas pelo inseto foram medidas após um e quatro dias da eclosão das lagartas, em cada um dos tratamentos. Existem diferenças na espessura dos tecidos foliares entre as espécies C. arabica e C. racemosa, porém não houve diferenças entre plantas híbridas resistentes e suscetíveis, sugerindo que as características avaliadas não estão relacionadas ao mecanismo de resistência a L. coffeella. Nas avaliações das lesões, observou-se o crescimento reduzido dos insetos em plantas resistentes, sugerindo que a resistência das plantas se deve à presença de substâncias químicas no parênquima paliçádico.The leaf miner Leucoptera coffeella (Guérin-Méneville, 1842 (Lepidoptera: Lyonetiidae is the major pest of coffee culture, being responsible for significant production losses as result of premature leaf fall, and consequent

  20. Citrus sinensis leaf petiole and blade colonization by Xylella fastidiosa: details of xylem vessel occlusion Colonização de pecíolo e folha de Citrus sinensis por Xylella fastidiosa

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Eduardo Alves

    2009-04-01

    Full Text Available Citrus variegated chlorosis (CVC, caused by Xylella fastidiosa, is an important disease of citrus in Brazil. X. fastidiosa is restricted to xylem vessels of plants and knowledge regarding xylem colonization is still limited. Our goal was to verify how this bacterium colonizes and spreads within xylem vessels of sweet orange Citrus sinensis cv. Pêra. Petioles and pieces of leaf blades from naturally infected plant exhibiting characteristic symptoms were prepared for light microscopy (LM, scanning electron microscopy (SEM, transmission electron microscopy (TEM and immunogold labeling (IGL. Petioles from healthy plants were used as control. IGL results, using an antibody against wall hemicelluloses, revealed that the pit membrane of vessels was altered. Bacterial cells were observed in the pit between adjacent vessels. Results support the contention that X. fastidiosa produces cellulases to reach adjacent vessels. SEM revealed that colonization of sweet orange started with X. fastidiosa cells attaching to the xylem wall, followed by an increase in the number of bacterial cells, the production of fibrous material, and finally vessel occlusion by biofilm composed of copious amounts of amorphous material, strands and cells. Phenolic materials, hyperplasia and hypertrophy were noticed in leaves with gummy material. Xylem vessels frequently contained an unknown needle-like, crystallized matter blocking the vessel.A clorose variegada dos citrus (CVC, causada por uma bactéria restrita ao xilema (Xylella fastidiosa, é uma importante doença de citros no Brasil, entretanto, pouco se sabe sobre a colonização dos vasos do xilema pela bactéria. O objetivo deste trabalho foi estudar como X. fastidiosa invade os vasos adjacentes do xilema e algumas das alterações expressas por plantas de laranja Pêra. Foram coletadas 15 amostras de pecíolos e áreas das folhas de plantas com sintomas característicos da doença, as quais foram preparadas para

  1. Alterações morfofisiológicas em folhas de Coffea arabica L. cv. "Oeiras" sob influência do sombreamento por Acacia mangium Willd Morphophysiological alterations in leaves of Coffea arabica L. cv. 'Oeiras' shaded by Acacia mangium Willd

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Inês Angélica Cordeiro Gomes

    2008-02-01

    Full Text Available Diferenças na disponibilidade de radiação podem causar modificações na estrutura e função das folhas do cafeeiro, que podem responder de maneira diferencial à radiação por alterações morfológicas, anatômicas, de crescimento e na taxa fotossintética. O objetivo deste trabalho foi avaliar características morfofisiológicas de cafeeiros (Coffea arabica L. cv. "Oeiras" sombreados por acácia (Acacia mangium Willd. na época seca e chuvosa no sul de Minas Gerais. As maiores taxas fotossintéticas e maiores espessuras da epiderme adaxial foram observadas na estação chuvosa nas linhas de cafeeiros a pleno sol. O sombreamento influenciou em menor espessura das folhas e em espaços intercelulares maiores no tecido esponjoso. Foi também verificada mudança na forma dos cloroplastos, os quais apresentaram-se mais alongados em folhas de cafeeiros a pleno sol quando relacionados aos arborizados.Light availability is one of the most important environmental factors affecting leaf structure and functions in coffee plants that can respond differently to radiation by changes in leaf anatomy, morphology, growth and photosynthetic rate. The objective of this research was evaluate some morphophysiological aspects in leaves of coffee (Coffea arabica L. cv. 'Oeiras' cropped under shelter trees in the south of Minas Gerais during the rainy and dry season. The shade caused lower leaves thickness and higher intercellular spaces in spongious tissue. There was also verified a change in chloroplast shape, which showed more elongated in coffee tree kept at full sunlight in relation to that ones maintained on shading.

  2. Impacto de inseticidas sobre parasitóides da traça-das-crucíferas em repolho, no Distrito Federal

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Castelo Branco Marina

    2001-01-01

    Full Text Available Este trabalho teve como objetivo identificar os parasitóides da Plutella xylostella(L. presentes em áreas de cultivo do Distrito Federal, tratadas ou não com inseticidas, onde larvas do inseto foram coletadas. Foram identificados quatro parasitóides: Apantelessp. (Braconidae, Oomyzus sokolowiskii (Kurdjumov (Eulophidae, Diadegmasp. (Ichneumonidae e Actiasp. (Tachinidae. Onível de parasitismo nas áreas não tratadas com inseticidas variou de 5% a 94%, enquanto em áreas tratadas variou de 11% a 87%. A maior parte das larvas de traça-das-crucíferas foram encontradas nas cabeças de repolho ou na parte inferior das folhas da saia das plantas. Esta distribuição de larvas sobre as plantas deve permitir que estas escapem do contato com o inseticida, e, conseqüentemente, os parasitóides podem sobreviver nas plantas tratadas.

  3. Flavonoids as fruit and vegetable intake biomarkers

    DEFF Research Database (Denmark)

    Krogholm, Kirstine Suszkiewicz

    Most validation studies show that the food frequency questionnaire (FFQ) is rather low in precision and accuracy, and there is an ongoing debate regarding the applicability of such self-reported data with regard to diet-disease relationships. However, no other method has so far been able to replace...... of fruit and vegetable intakes. In Paper I, the urinary recovery of the 7 flavonoids in morning spot urine (i.e. all urine voids from midnight including the first morning void) was also found to respond to moderate increases in the intake of fruits and vegetables. However, the association was somewhat...... weaker than in 24h urine samples, indicating that the 24h urinary recovery of the 7 flavonoids is a stronger biomarker of the intake of fruit and vegetables than the urinary recovery of the 7 flavonoids in morning spot urine. In Paper II, the biokinetic profiles of some of the most important dietary...

  4. Flavonoids in Inflammatory Bowel Disease: A Review

    Science.gov (United States)

    Vezza, Teresa; Rodríguez-Nogales, Alba; Algieri, Francesca; Utrilla, Maria Pilar; Rodriguez-Cabezas, Maria Elena; Galvez, Julio

    2016-01-01

    Inflammatory bowel disease (IBD) is characterized by chronic inflammation of the intestine that compromises the patients’ life quality and requires sustained pharmacological and surgical treatments. Since their etiology is not completely understood, non-fully-efficient drugs have been developed and those that have shown effectiveness are not devoid of quite important adverse effects that impair their long-term use. In this regard, a growing body of evidence confirms the health benefits of flavonoids. Flavonoids are compounds with low molecular weight that are widely distributed throughout the vegetable kingdom, including in edible plants. They may be of great utility in conditions of acute or chronic intestinal inflammation through different mechanisms including protection against oxidative stress, and preservation of epithelial barrier function and immunomodulatory properties in the gut. In this review we have revised the main flavonoid classes that have been assessed in different experimental models of colitis as well as the proposed mechanisms that support their beneficial effects. PMID:27070642

  5. Flavonoids in Inflammatory Bowel Disease: A Review

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Teresa Vezza

    2016-04-01

    Full Text Available Inflammatory bowel disease (IBD is characterized by chronic inflammation of the intestine that compromises the patients’ life quality and requires sustained pharmacological and surgical treatments. Since their etiology is not completely understood, non-fully-efficient drugs have been developed and those that have shown effectiveness are not devoid of quite important adverse effects that impair their long-term use. In this regard, a growing body of evidence confirms the health benefits of flavonoids. Flavonoids are compounds with low molecular weight that are widely distributed throughout the vegetable kingdom, including in edible plants. They may be of great utility in conditions of acute or chronic intestinal inflammation through different mechanisms including protection against oxidative stress, and preservation of epithelial barrier function and immunomodulatory properties in the gut. In this review we have revised the main flavonoid classes that have been assessed in different experimental models of colitis as well as the proposed mechanisms that support their beneficial effects.

  6. Flavonoids from leaves of Mauritia flexuosa

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Djalma M. de Oliveira

    2013-08-01

    Full Text Available The chromatographic fractionation of the Mauritia flexuosa L. f., Arecaceae, leaves extract, a plant known by the name of buriti palm tree, resulted in the isolation of six flavonoids: tricin-7-O-rutinoside, apigenin-6-C-arabinoside, 8-C-glucoside (isoschaftoside, kaempferol-3-O-rutinoside (nicotiflorine, quercetin-3-O-rutinoside (rutin, luteolin-8-C-glucoside (orientin and luteolin-6-C-glucoside (isoorientin. The flavonoids were found out and previously reported as constituents of the Arecaceae family plants, but the occurrence of C-glucoside flavonoids, in the species being analyzed, is described for the first time on this study. The structural elucidations of all of the isolated compounds were performed by means of the comparison of their spectral data (¹H and 13C NMR, UV and ESI-MS with those ones of the literature.

  7. Supercritical Fluid Extraction of Flavonoids from Dandelion

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Wu Jun

    2014-01-01

    Full Text Available In this study, the total flavonoids from dandelion was extracted by supercritical CO2 and the total flavonoids content in the extract was investigated by the sodium nitrite-aluminum nitrate method with Rutin as a standard product. Single-factor experiments were carried out to map the effects of extraction pressure, temperature, time and entrainer amount on the yield of flavonoids. The orthogonal experiments on the optimum technology parameters demonstrated that the influence of the experimental conditions over the yield from high to low was: (a pressure, (b temperature, (c entrainer amount, (d time. The optimization result showed that under the conditions of 50°C, 35 MPa, 80 min and 4.0 mL/g entrainer amount, the yield of the preparative supercritical fluid extraction was 4.974%.

  8. Flavonoid composition of Juniperus oblonga Bieb.

    Science.gov (United States)

    Pisarev, D I; Novikov, O O; Novikova, M Yu; Zhilyakova, E T

    2011-04-01

    Juniperus oblonga Bieb is widely spread in the Caucasus Mountains, particularly in its eastern and southern regions. Diuretic effect of juniper berries is determined by the presence of volatile oils and polyphenol complex, particularly flavonoids. Flavonoids were extracted from raw material with 70% ethanol and then with ethyl acetate. Column chromatography of ethyl acetate fraction on polyamide yielded 5 compounds, which were identified on the basis of physicochemical constants of parent compounds and products of acid hydrolysis and alkaline degradation of aglycones and on the basis of UV-spectroscopy as apigenin, isoquercitrin, apigenin-7-glucoside, quercetin-3-rutinoside, and scutellarin-7-glucoside. Quantitative composition of flavonoid in equivalent to rutin concentration in Juniperus oblonga Bieb was 0.910±0.007% (UV-spectrophotometry data).

  9. Triagem fitoquímica e avaliação das atividades trombolítica e citotóxica de Cecropia hololeuca Miq. (Urticaceae, Lippia alba (Mill. N.E.Br. ex P. Wilson (Verbenaceae e Zanthoxylum rhoifolium Lam (Rutaceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    João Victor Dutra GOMES1 ; Rafael Destefani FAITANIN

    2016-03-01

    Full Text Available Cecropia hololeuca, Lippia alba, e Zanthoxylum rhoifolium são espécies vegetais de ocorrência natural no Brasil, características de regiões de Mata Atlântica e, dentro de suas finalidades medicinais, estão incluídas ação anti-hipertensiva, digestiva e no tratamento de malária. Neste estudo, foram avaliados o perfil fitoquímico e as atividades citotóxica e trombolítica do extrato etanólico das folhas destas espécies vegetais. O perfil químico dos extratos foi obtido por meio de ensaios fitoquímicos clássicos, a fim de identificar as classes químicas presentes. A toxicidade preliminar foi avaliada frente Artemia salina e a atividade trombolítica foi determinada in vitro a partir da lise de coágulo de sangue humano. Os testes fitoquímicos indicaram a presença de alcaloides e flavonoides nos três extratos investigados. Saponinas, triterpenos e naftoquinonas foram detectados apenas em C. hololeuca. Essa não demonstrou toxicidade frente Artemia salina (DL50 >1000 ppm, enquanto Z. rhoifolium apresentou DL50 igual a 719,44 ppm e L. alba <250 ppm, o que indica atenção quanto à segurança no uso desta planta medicinal. A atividade trombolítica de L. alba e C. hololeuca foi de 6,43 ±2,08 e 9,64 ±1,83 %, respectivamente, mostrando baixa atividade. Por sua vez, Z. rhoifolium alcançou lise de 24,71 ±10,52 %, indicando promissora atividade (p <0,001. A atividade trombolítica de Z. rhoifolium justifica novos estudos, a fim de investigar os componentes responsáveis pela atividade. Perante a literatura, este é o primeiro relato da avaliação da atividade trombolítica destas espécies vegetais. Os resultados encontrados neste trabalho contribuem para o conhecimento químico-biológico das respectivas espécies.

  10. Óleos essenciais de folhas de diversas espécies: propriedades antioxidantes e antibacterianas no crescimento espécies patogênicas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cíntia Alvarenga Santos Fraga Miranda

    Full Text Available RESUMO Os óleos essenciais apresentam possibilidade de serem empregados nas indústrias de alimentos, bebidas, produtos de higiene pessoal e cosméticos para evitar ou reduzir a deterioração lipídica e a contaminação por micro-organismos. Este trabalho teve como objetivos avaliar as propriedades funcionais antimicrobianas e antioxidantes de óleos essenciais de folhas frescas de Coniza bonariensis, Parthenium hysterophorus, Tithonia diversifolia, Ambrosia polystachya, Hedychium coronarium e Baccharis dracunculifolia, extraídos por hidrodestilação. O potencial antioxidante foi avaliado pelas metodologias do consumo do radical DPPH e da inibição da oxidação do sistema β-caroteno/ácido linoleico. A sensibilidade das bactérias Salmonella Cholerasuis, Listeria monocytogenes, Staphylococcus aureus e Escherichia coli frente aos óleos essenciais foi determinada pela utilização do método de difusão em cavidade ágar. Os óleos essenciais destacaram-se pelo elevado conteúdo de terpenoides. Todos os óleos essenciais avaliados pela metodologia do sequestro do radical DPPH não apresentaram CI50 significativos. Pela metodologia do β-caroteno/ácido linoleico, os óleos essenciais de T. diversifolia e H. coronarium não apresentaram atividades significativas e os de C. bonariensis, P. hysterophorus, A. polystachya, e B. dracunculifolia apresentaram CI50 superiores a maior concentração avaliada. Os óleos essenciais das espécies C. bonariensis, T. diversifolia, H. coronarium e de B. dracunculifolia apresentaram atividade antibacteriana para bactérias Gramnegativas e Gram-positivas, com exceção do óleo volátil de P. hysterophorus, que não impediu o crescimento de nenhuma das cepas bacterianas testadas. O óleo essencial de A. polystachya apresentou potencial antibacteriano apenas nas cepas de S. aureus.

  11. Leaf life span and nitrogen content in semideciduous forest tree species (Croton priscus and Hymenaea courbaril Duração da vida da folha e conteúdo de nitrogênio em espécies arbóreas (Croton priscus e Hymenaea courbaril de floresta semidecídua

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Claudia Regina Baptista Haddad

    2004-01-01

    Full Text Available In comparison to deciduous species, evergreen plants have lower leaf nutrient contents and higher leaf life span, important mechanisms for nutrient economy, allowing the colonization of low fertility soils. Strategies to conserve nitrogen in two semideciduous tropical forest tree species, with different leaf life spans were analyzed. The hypothesis was the fact that the two species would present different nitrogen conservation mechanisms in relation to chemical (total nitrogen, protein, chlorophyll, and proteolytic activity, functional (leaf life span, N-use efficiency, and N-resorption efficiency, morphological (specific leaf mass leaf characteristics, and total nitrogen in the soil. Hymenaea courbaril L. presented lower nitrogen compounds in leaves, longer leaf life span, higher N-use efficiency, and higher specific leaf mass, while absorbing proportionally less nitrogen from the soil than Croton priscus Croizat. These characteristics can contribute for a better nitrogen economy strategy of H. courbaril. No relationship was found between leaf life span and N resorption efficiency, nor between leaf life span, protease activity and nitrogen mobilization. The electrophoretic profiles of proteolytic enzymes in young leaves of the two species presented more bands with enzymatic activity than other kinds of leaves.Comparadas a espécies decíduas, as sempre-verdes têm menos nutrientes nas folhas, que também são mais longevas. Estes mecanismos são importantes para economia de nutrientes, e permitem a colonização de solos com baixa fertilidade. Foram analisadas estratégias de conservação de nitrogênio em duas espécies de floresta semidecídua, que aparentemente apresentavam longevidades foliares diferentes. Para isto foram comparados mecanismos químicos (concentrações de nitrogênio total, de proteína e clorofila e atividade proteolítica, funcionais (duração de vida das folhas, eficiência do uso de nitrogênio e eficiência de

  12. ISOLATION AND IDENTIFICATION OF FLAVONOIDS FROM PROSOPIS JULIFLORA

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    KHANDELWAL PREETI

    2017-01-01

    Full Text Available Objective: The Flavonoids are remarkable and important secondary metabolites, found in plants. The present study was carried out to investigate the flavonoid content present in the leaves, stem, and pods of Prosopis juliflora. Methods: The established protocol of Subramanian & Nagarajan, 1969 was used for isolation of flavonoids. The structure of the isolated compounds was established on the basis of physical and chemical test and spectroscopic evidences (TLC, IR and GC- MS. Results: The study was revealed that the three types of flavonoids Quercetin, Kaempferol and Luteolin were found in Prosopis juliflora. Out of these three flavonoids, Quercetin was found as a major flavonoid. Kaempferol and luteolin were found as minor flavonoids. Conclusion: The present flavonoids may be responsible for various activities found in this plant, like- Antioxidant activity, anti-microbial activity etc.

  13. Strains for the production of flavonoids from glucose

    Energy Technology Data Exchange (ETDEWEB)

    Stephanopoulos, Gregory; Santos, Christine; Koffas, Mattheos

    2015-11-13

    The invention relates to the production of flavonoids and flavonoid precursors in cells through recombinant expression of tyrosine ammonia lyase (TAL), 4-coumarate:CoA ligase (4CL), chalcone synthase (CHS), and chalcone isomerase (CHI).

  14. Flavonoides e terpenoides de Croton muscicarpa (Euphorbiaceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Milena B. Barreto

    2013-01-01

    Full Text Available A new sesquiterpene and twelve known compounds comprising eight flavonoids and four terpenoids, were isolated from the leaves, stems, roots and exudate of Croton muscicarpa Müll. Arg.. Their structures were identified as the terpenoids 6α-methoxy-cyperene, dammaradienol, squalene, acetyl aleuritolic acid and spathulenol, and as the flavonoids retusin, 3,7,4'-trimethoxy kaempferol, ombuine, pachipodol, kaempferol, casticin, 5-hydroxy-3,6,7,4'-tetramethoxyflavone and artemetin. All isolated compounds were characterized based on IR, MS, ¹H and 13C NMR, including 2D analyses (COSY, HSQC, HMBC, NOESY and comparison with data from the literature.

  15. Flavonoids and terpenoids from Croton muscicarpa (Euphorbiaceae)

    Energy Technology Data Exchange (ETDEWEB)

    Barreto, Milena B.; Gomes, Clerton L.; Freitas, Joao Vito B. de; Pinto, Francisco das Chagas L.; Silveira, Edilberto R.; Gramosa, Nilce V., E-mail: nilce@dqoi.ufc.br [Departamento de Quimica Organica e Inorganica, Centro de Ciencias, Universidade Federal do Ceara, Fortaleza (Brazil); Torres, Daniela S. Carneiro [Departamento de Ciencias Biologicas Jequie, Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia, Jequie, BA (Brazil)

    2013-09-01

    A new sesquiterpene and twelve known compounds comprising eight flavonoids and four terpenoids, were isolated from the leaves, stems, roots and exudate of Croton muscicarpa Muell.. Arg.. Their structures were identified as the terpenoids 6{alpha}-methoxy-cyperene, dammaradienol, squalene, acetyl aleuritolic acid and spathulenol, and as the flavonoids retusin, 3,7,4'-trimethoxy kaempferol, ombuine, pachipodol, kaempferol, casticin, 5-hydroxy-3,6,7,4'-tetramethoxyflavone and artemetin. All isolated compounds were characterized based on IR, MS, {sup 1}H and {sup 13}C NMR, including 2D analyses (COSY, HSQC, HMBC, NOESY) and comparison with data from the literature. (author)

  16. O relevo na interpretação da variabilidade espacial dos teores de nutrientes em folha de citros Landrelief in the interpretation of spatial variability of nutrient content in citrus leaves

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marisol G. A. de Leão

    2010-11-01

    Full Text Available A diagnose foliar é um critério para avaliação do estado nutricional das culturas agrícolas, que auxilia na compreensão da fertilidade do solo e na aplicação racional de adubos, levando em conta aspectos econômicos e ambientais. O trabalho teve como objetivo utilizar as formas do relevo como regra para auxiliar na interpretação da variabilidade espacial dos teores de nutrientes da folha de citros. Coletas de folhas foram realizadas em intervalos regulares de 50 m, totalizando 332 pontos de amostragem. Os dados foram analisados pela estatística descritiva, geoestatística e indução da árvore de decisão. Com o auxílio do modelo digital de elevação (MDE e do perfil planialtimétrico, a área foi dividida em diferentes formas do relevo e segmentos de vertente. Os maiores valores para os nutrientes da folha de citros foram observados no topo em relação aos segmentos de meia encosta e encosta inferior. Os nutrientes da folha de citros apresentaram altos valores de correlação (>0,05 com a altitude da área estudada, acima de 0,5. A técnica de geoestatística e a indução pela árvore de decisão demonstram que o relevo é a variável com maior potencial para interpretar os mapas de variabilidade espacial dos nutrientes da folha de citros comparada com outras variáveis de campo como comprimento de rampa e declive.Foliar diagnosis is a method for assessing the nutritional status of agricultural crops, which helps in the understanding of soil fertility and rationalized application of fertilizers taking into account economic and environmental criteria. The study aimed to use the landrelief as criteria to assist in interpreting the spatial variability of nutrient content of the citrus leaf. The leaves were collected at regular intervals of 50 m, totaling 332 sampling points. Data were analyzed by descriptive statistics, geostatistics and induction of decision tree. With the aid of digital elevation model (MDE and the profile

  17. Influência do posicionamento no solo na decomposição de folhas e raminhos de Cistus salviifolius L. Influence of soil placement on decomposition of leaves and stems of Cistus salviifolius L.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    M. P. Simões

    2007-07-01

    Full Text Available Estudou-se a influência do posicionamento no solo na dinâmica da decomposição de resíduos de arbustos mediterrânicos, numa comunidade característica de montados do Alentejo, durante um período de cerca de 2 anos. Para o efeito, monitorizaram-se as variações de matéria orgânica e de nutrientes em folhas e raminhos de Cistus salviifolius L. colocados na superfície do solo e incorporados a 10 cm de profundidade, através da técnica dos “sacos de decomposição” A taxa anual decomposição das folhas na superfície do solo (-0,71 foi mais rápida do que a dos raminhos em posição homóloga (-0,17. Esta diferenciação foi também observada para as folhas e raminhos incorporados a 10 cm de profundidade, tendo a taxa sido bastante mais elevada (respectivamente -0,98 e -0,43. A diminuição da matéria orgânica ocorreu em duas fases: uma fase inicial de decréscimo bastante rápido, influenciado principal-mente pela natureza do substrato, à qual se seguiu uma fase de decréscimo muito lento, no qual se fez sentir tanto o efeito do substrato como o da sua localização. A libertação dos nutrientes foi mais influenciada pela composição inicial dos resíduos do que pela localização destes no solo, tendo a libertação sido mais rápida nas folhas do que nos raminhos. As relações lineares inversas observadas entre a MO remanescente e a concentração de N no material residual indicam maiores períodos de imobilização de N nas folhas colocadas na superfície do que nas incorporadas no solo.The influence of placement on litter decomposition dynamics was studied in the Mediterranean shrub Cistus salviifolius L. Litter bags containing either leaf or branch were placed at soil surface and others buried at 10 cm depth, in a Mediterranean shrubland of Alentejo, Southern Portugal. Changes in organic matter and nutrient content were assessed over a 2-year period. Decomposition was faster for leaves than for branches, as well as for

  18. Growth of white clover seedlings treated with aqueous extracts of leaf and root of tough lovegrass Crescimento de plântulas de trevo-branco tratadas com extratos aquosos de folha e raiz de capim-annoni-2

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Adriana Favaretto

    2011-06-01

    gua destilada foi utilizada como testemunha em ambos os ensaios. Cinqüenta plântulas com sete dias de idade foram colocadas em caixas gerbox, sobre papel-filtro umedecido com os extratos, e incubadas a 25ºC durante 14 dias. No primeiro experimento, o percentual de plântulas normais decresceu em 82,5% e 100% nas concentrações de 30% e 60%, respectivamente, o que indicou a necessidade de se aumentar a diluição dos extratos. No experimento subseqüente, os extratos das duas origens, a 10% de concentração, reduziram em 78% o percentual de plântulas normais e aumentaram o percentual de plântulas anormais, que atingiu 27%. A 5% o extrato de folha foi o tratamento mais deletério, resultando em maior mortalidade (M=27,6% e anormalidade (A=19,5% de plântulas, comparado ao de raiz (M=4,8%; A=9,5% e à testemunha (M=2,4%; A=0,25%. As alterações morfológicas causadas pelos extratos foram necrose da radícula, retenção dos cotilédones e ausência de raízes secundárias. Os resultados sugerem que os compostos alelopáticos de folhas e raízes do capim-annoni-2 diferem quanto à natureza química e/ou concentração.

  19. Das Interview als Beziehungsraum

    OpenAIRE

    Tietel, Erhard

    2000-01-01

    Am Beispiel einer schwierigen Interviewbeziehung wird gezeigt, daß und in welcher Weise das Beziehungsgeschehen im Interview sowie die Verwendung des Beziehungsraums des Interviews durch den Befragten entscheidende heuristische Hinweise zum Aufspüren und Verstehen latenter Aspekte des Forschungsthemas geben können. Die im Interview stattfindende Reduktion des potentiell triadischen Beziehungsraums auf dyadisch-geschlossene Beziehungsebenen und der weitgehende Verlust des eigenen Spielraums un...

  20. Durch das Leben lernen

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ingolf Waßmann

    2014-12-01

    Full Text Available Web 2.0 und soziale Netzwerke gaben erste Impulse für neue Formen der Online-Lehre, welche die umfassende Vernetzung von Objekten und Nutzern im Internet nachhaltig einsetzen. Die Vielfältigkeit der unterschiedlichen Systeme erschwert aber deren ganzheitliche Nutzung in einem umfassenden Lernszenario, das den Anforderungen der modernen Informationsgesellschaft genügt. In diesem Beitrag wird eine auf dem Konnektivismus basierende Plattform für die Online-Lehre namens “Wiki-Learnia” präsentiert, welche alle wesentlichen Abschnitte des lebenslangen Lernens abbildet. Unter Einsatz zeitgemäßer Technologien werden nicht nur Nutzer untereinander verbunden, sondern auch Nutzer mit dedizierten Inhalten sowie ggf. zugehörigen Autoren und/oder Tutoren verknüpft. Für ersteres werden verschiedene Kommunikations-Werkzeuge des Web 2.0 (soziale Netzwerke, Chats, Foren etc. eingesetzt. Letzteres fußt auf dem sogenannten “Learning-Hub”-Ansatz, welcher mit Hilfe von Web-3.0-Mechanismen insbesondere durch eine semantische Metasuchmaschine instrumentiert wird. Zum Aufzeigen der praktischen Relevanz des Ansatzes wird das mediengestützte Juniorstudium der Universität Rostock vorgestellt, ein Projekt, das Schüler der Abiturstufe aufs Studium vorbereitet. Anhand der speziellen Anforderungen dieses Vorhabens werden der enorme Funktionsumfang und die große Flexibilität von Wiki-Learnia demonstriert.

  1. Estrogenicity and metabolism of prenylated flavonoids and isoflavonoids

    NARCIS (Netherlands)

    Schans, van de M.G.M.

    2015-01-01

      Binding of (prenylated) flavonoids and isoflavonoids to the human estrogen receptors (hERs) might result in beneficial health effects in vivo. To understand structure-activity relationships of prenylated (iso)flavonoids towards the hERs, prenylated (iso)flavonoids were purified from extracts

  2. THE SYSTEMATIC AND EVOLUTIONARY SIGNIFICANCE OF EXUDATE FLAVONOIDS IN AEONIUM

    NARCIS (Netherlands)

    STEVENS, JF; HART, HT; WOLLENWEBER, E

    1995-01-01

    Leaf exudates of 32 species of Aeonium were examined for the presence of flavonoids. Thirty two flavonoids were detected in exudates of half of the species. The flavonoids were identified as methyl ethers of kaempferol, 6-hydroxykaempferol, quercetin, myricetin and scutellarein. The distribution of

  3. Intakes of total and individual flavonoids by US adults.

    Science.gov (United States)

    Bai, Wei; Wang, Chunyang; Ren, Cuirong

    2014-02-01

    Knowing the dietary flavonoid intake of individuals and populations is the first step to clearly understand their health effects. Dietary flavonoid intake studies have been hampered by the lack of flavonoid food composition data. The objectives of this study were to estimate intakes of individual, classes and total flavonoids in the US adults; to evaluate the effects of socio-demographic factors on the flavonoid consumption patterns; and to establish major dietary sources of flavonoids. We calculated flavonoid intakes using the most updated USDA flavonoid and isoflavone databases, and the National Health and Nutrition Examination Survey (NHANES) III 24-h dietary recall (DR). Estimated mean total flavonoid intake by US adults was 344.83 ± 9.13 mg/day. The flavan-3-ols (191.99 ± 6.84 mg/day) were the most abundant flavonoid class. The three most dominant individual flavonoids were catechin, epicatechin and polymers. Tea, wine, beer, citrus fruits and apples were the most important sources of total flavonoid intakes in the US adults.

  4. THE SYSTEMATIC AND EVOLUTIONARY SIGNIFICANCE OF EXUDATE FLAVONOIDS IN AEONIUM

    NARCIS (Netherlands)

    STEVENS, JF; HART, HT; WOLLENWEBER, E

    1995-01-01

    Leaf exudates of 32 species of Aeonium were examined for the presence of flavonoids. Thirty two flavonoids were detected in exudates of half of the species. The flavonoids were identified as methyl ethers of kaempferol, 6-hydroxykaempferol, quercetin, myricetin and scutellarein. The distribution of

  5. Comprehensive profiling and natural variation of flavonoids in rice

    Institute of Scientific and Technical Information of China (English)

    Xuekui Dong; Wei Chen; Wensheng Wang; Hongyan Zhang; Xianqing Liu; Jie Luo

    2014-01-01

    Flavonoids constitute a major group of plant phenolic compounds. While extensively studied in Arabidopsis, profiling and natural y occurring variation of these compounds in rice (Oryza sativa), the monocot model plant, are less reported. Using a col ection of rice germplasm, comprehensive profiling and natural variation of flavonoids were presented in this report. Application of a widely targeted metabolomics method facilitat-ed the simultaneous identification and quantification of more than 90 flavonoids using liquid chromatography tandem mass spectrometry (LC-MS/MS). Comparing flavonoid contents in various tissues during different developmental stages revealed tissue-specific accumulation of most flavonoids. Further investi-gation indicated that flavone mono-C-glycosides, malonylated flavonoid O-hexosides, and some flavonoid O-glycosides accu-mulated at significantly higher levels in indica than in japonica, while the opposite was observed for aromatic acylated flavone C-hexosyl-O-hexosides. In contrast to the highly differential accumulation between the two subspecies, relatively smal variations within subspecies were detected for most flavonoids. Besides, an association analysis between flavonoid accumulation and its biosynthetic gene sequence polymorphisms disclosed that natural variation of flavonoids was probably caused by sequence polymorphisms in the coding region of flavonoid biosynthetic genes. Our work paves the way for future dissection of biosynthesis and regulation of flavonoid pathway in rice.

  6. Anatomia de raiz, caule e folha e identificação de estruturas secretoras de Achillea millefolium L. (Asteraceae - DOI: 10.4025/actascibiolsci.163 Anatomy of root, stem and leaf and identification of secretory structures of Achillea millefolium L. (Asteraceae- DOI: 10.4025/actascibiolsci.163

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ismar Sebastião Moscheta

    2007-11-01

    Full Text Available Realizou-se o estudo anatômico dos órgãos vegetativos raiz, caule e folha, e extraíram-se os óleos essenciais das diferentes partes da planta, identificando-se as possíveis estruturas secretoras desses óleos. Utilizou-se material fresco para a realização dos testes histoquímicos e para a confecção de lâminas semipermanentes, as quais se coraram com Safrablau. Para a confecção de lâminas permanentes, utilizou-se material fixado em FAA 50%, incluído em historesina. Observaram-se pêlos tectores no escapo e na folha, enquanto que pêlos glandulares foram encontrados no escapo e na flor. Canais secretores de origem esquizógena acompanham os feixes vasculares no rizoma, no escapo, na folha e na bráctea da flor. Na raiz, esses canais estão ausentes. Na folha e na inflorescência fechada, observouse maior quantidade de óleos essenciais. A folha é anfistomática e os estômatos, do tipo anomocítico, estão presentes também no escapo. A estrutura geral de Achillea millefolium é semelhante à de outras espécies da família Asteraceae.An anatomic study of the vegetative organs: root, stem and leaf was made. The essential oils were extracted from the plant identifying the possible secretory structures. Fresh material was used in order to perform histochemical tests and to prepare semi-permanent slides, which were colored with Safrabau. For the preparation of the semi-permanent slides, material fixed in FAA 50% was used including historesina. Tector hairs can be observed in the scape and flower. Secretory channels of schizogeneous origin follow the vascular bundles in the rhizome, scape, leaf and bract of the flower. In the root, these channels are absent. In the leaf and in the unopened inflorescence there is a greater quantity of the essential oils. The leaf is amphistomatic and the stomata of anomocytic type are present in the scape as well. The general structure of the Achillea millefolium is similar to the structures of the

  7. Flavonoid-membrane Interactions: A Protective Role of Flavonoids at the Membrane Surface?

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Patricia I. Oteiza

    2005-01-01

    Full Text Available Flavonoids can exert beneficial health effects through multiple mechanisms. In this paper, we address the important, although not fully understood, capacity of flavonoids to interact with cell membranes. The interactions of polyphenols with bilayers include: (a the partition of the more non-polar compounds in the hydrophobic interior of the membrane, and (b the formation of hydrogen bonds between the polar head groups of lipids and the more hydrophilic flavonoids at the membrane interface. The consequences of these interactions are discussed. The induction of changes in membrane physical properties can affect the rates of membrane lipid and protein oxidation. The partition of certain flavonoids in the hydrophobic core can result in a chain breaking antioxidant activity. We suggest that interactions of polyphenols at the surface of bilayers through hydrogen bonding, can act to reduce the access of deleterious molecules (i.e. oxidants, thus protecting the structure and function of membranes.

  8. Separation of flavonoids by means of solvent extraction; Yobai chushutsuho ni yoru flavonoid rui no bunri

    Energy Technology Data Exchange (ETDEWEB)

    Kitazaki, H.; Ishimaru, M. [Tsumura and Co., Tokyo (Japan); Inoue, K.; Nakamura, S. [Saga University, Saga (Japan). Faculty of Science and Engineering

    1997-03-10

    Some herb medicines may contain various flavonoids. The bioactivity of them has been attracted attention. In this paper, the separating purification method by solvent extraction was investigated. The extractant is di (ethylhexyl) amine, tributyl phosphate, N,N-dioctyl hexanamide, trioctylphosphine oxide (TOPO), and Cyanex 925. Flavonoids are considered to be separated based on the difference of solubility in an ethanol solution, the existence of a glycoside in flavonoids, and the number of hydroxyl groups or their bonding position. For example, flavone, flavonol, 7,8-dihydroxyflavone, baicalein, and baicalin are used as the representative substance of flavonoids. If a target substance is baicalin, this mixture is dissolved in an ethanol solution to eliminate insoluble matter such as flavonol. Next, flavone is extracted and eliminated by hexane. In the last step, the target baicalin is left in raffinate by TOPO or Cyanex 925. 3 refs., 7 figs., 1 tab.

  9. Avaliação de cultivares de mandioca, para consumo in natura, quanto à resistência à mancha parda da folha Evaluation of cassava cultivars for resistance to brown leaf spot

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ronaldo P. Santos

    2004-06-01

    Full Text Available Visando confirmar o agente etiológico da 'mancha-parda' e avaliar diferentes cultivares de mandioca quanto à resistência a doença e às características agronômicas e nutricionais no estado do Rio de Janeiro, realizaram-se dois ensaios em condições de campo, na UFRRJ. No primeiro, de fevereiro de 1997 a junho de 1998, avaliaram-se seis cultivares (Amarelinha, Marcos OP, IAC-264, Baiana, Mantiqueira e Sonora. No segundo, de janeiro a agosto de 1999, avaliaram-se as mesmas cultivares mais a 'Saracura' e Rosada de SC. Em ambos ensaios utilizou-se o delineamento de blocos ao acaso com três repetições. A intensidade de doença, originada a partir de infecção natural, foi quantificada a cada sete e 15 dias, e por ocasião da colheita, quando se estimaram a severidade e a incidência de folhas lesionadas, taxa de desfolha e número de folhas lesionadas. Com os dados de severidade e de incidência, construíram-se curvas e calcularam-se os valores da área abaixo da curva de progresso da doença (AACPD, para as estimativas da severidade da doença e da incidência de folhas infectadas, respectivamente. Houve diferença entre as cultivares quanto à resistência à mancha parda da folha, causada por Cercosporidium henningsii. A 'Amarelinha' foi a mais suscetível e 'Baiana' e 'Sonora' as mais resistentes. Não houve, em geral, diferença significativa entre as cultivares quanto à produtividade e características das raízes, com destaque porém, para a cultivar Amarelinha que apresentou raízes mais uniformes e com maior peso médio. Houve correlação negativa e significativa entre a severidade da doença, expressa pelos valores da AACPD e número e peso das raízes.Two field experiments were conducted to confirm the etiological agent of the cassava 'brown leaf spot', to study the progress of the disease and to evaluate resistance, agronomic and nutritional traits of different cassava cultivars. The experiments were performed in Rio de

  10. Genes diferencialmente expressos em cana-de-açúcar inoculada com Xanthomonas albilineans, o agente causal da escaldadura da folha Diferential gene expression in sugar cane infected with Xanthomonas albilineans, causal agent of leaf scald

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Karina Maia Dabbas

    2006-09-01

    Full Text Available A escaldadura da folha, causada pela bactéria Xanthomonas albilineans colonizadora do xilema, é uma das principais doenças da cana-de-açúcar. A sintomatologia na fase crônica é caracterizada principalmente pelo aparecimento de uma faixa branca paralela à nervura central da folha, que evolui até queimar totalmente, sendo também observado brotação de gemas laterais no colmo. Neste trabalho, a técnica de macroarranjos de cDNA foi empregada para o estudo da expressão de 3.575 ESTs (espressed sequence tags em folhas de cana-de-açúcar. Foram utilizadas duas variedades, uma resistente (SP82-1176 e outra suscetível (SP78-4467 a Xanthomonas albilineans as quais foram infectadas mecanicamente por ferimentos. As membranas dos macroarranjos foram confeccionadas a partir de ESTs de bibliotecas de folha e cartucho de cana-de-açúcar provenientes do projeto SUCEST e hibridizadas contra sondas de cDNA de plantas infectadas e controle marcadas com isótopos radioativos. Analisando os resultados dos macroarranjos foi possível verificar um comportamento diferenciado para cada variedade durante o ataque do patógeno. Após realizadas análises estatísticas identificamos na variedade resistente ESTs com expressão induzida relacionadas com biossíntese de isoprenoides, proteínas LRR transmembrânica, "ziper" de leucina, lignificação, tolerância ao frio, diferenciação de plastídeos, sistemas de defesa e de adaptação da planta ao meio ambiente. As ESTs reprimidas na variedade resistente foram àquelas relacionadas com genes responsáveis pela síntese de proteínas do controle da expansão da parede celular, detoxificação e transporte de auxina. Na variedade susceptível foram reprimidas ESTs relacionadas a genes de proteínas das respostas de defesa da planta, biossíntese de Etileno e regulação da transcrição.The leaf scald disease, caused by the xylem-invading pathogen Xanthomonas albilineans, is one of the most devastating

  11. Hemaglutinina de folhas de mandioca (Manihot esculenta Crantz: purificação parcial e toxicidade Hemaglutinin of cassava leaves (Manihot esculenta Crantz: partial purification and toxicity

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Chrystian Araujo Pereira

    2008-06-01

    Full Text Available Um dos componentes da multimistura para suplementação alimentar de populações carentes é a farinha de folhas de mandioca (FFM que possui elevado conteúdo em proteínas, vitaminas e minerais. Todavia, as folhas de mandioca também apresentam substâncias antinutritivas e/ou tóxicas, como cianeto, polifenóis, nitrato, ácido oxálico, hemaglutinina, saponinas e inibidores de tripsina. Objetivou-se neste trabalho extrair as proteínas da FFM, purificando-as em coluna cromatográfica e determinar sua atividade hemaglutinante e toxicidade. Foram testadas várias estratégias de extração e precipitação das proteínas, sendo que o maior teor protéico e atividade hemaglutinante foi obtido na extração com água destilada na proporção 1:20 (p/v seguida da precipitação com sulfato de amônio a 80% de saturação. As proteínas precipitadas foram purificadas em coluna Q-Sepharose. Das quatro frações obtidas na purificação (I, II, III e IV, a I e a II apresentaram maiores atividades hemaglutinantes. As mesmas frações foram injetadas via intraperitoneal em camundongos com doses de 2mg (fração I, 3mg (fração II, 54mg (fração III e 52mg (fração IV para cada animal com 20g de peso médio, não sendo observadas mortes ou quaisquer efeitos adversos após 120h.One of the components of the multimixture to the feed supplementation of low-income populations is cassava leaf flour (FFM, with high content of proteins, vitamins and minerals. However, cassava leaves also present substance regarded as antinutritive and/or toxic, such as cyanide, polyphenols, nitrate, oxalic acid, hemagglutinin, saponins and trypsin inhibitors. The aim of this work was to extract proteins from FFM, purifying them in chromatographic column and determine their hemagglutinating activity and toxicity. A number of strategies of extraction and precipitation of proteins were tested; the highest protein content and hemagglutinating activity were obtained in the

  12. Experimental intoxication by the leaves of Melia azedarach (Meliaceae in cattle Intoxicação experimental pelas folhas de Melia azedarach (Meliaceae em bovinos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria del Carmen Méndez

    2002-01-01

    Full Text Available Green leaves of Melia azedarach were administered at single doses ranging from 5 to 30 g/kg bw to 11 calves. Clinical signs were depression, ruminal stasis, dry feces with blood, ataxia, muscle tremors, sternal recumbency, hypothermia and abdominal pain. Serum AST and CPK were increased. Signs appeared from 8 to 24 hours after dosing, and the clinical course lasted from 2 to 72 hours. Three calves dosed with 30g/kg bw died. The macroscopic findings included intestinal congestion, yellow discoloration of the liver, brain congestion and dry feces with blood in the rectum. The liver showed swollen and vacuolated hepatocytes. Necrotic hepatocytes were scattered throughout the parenchyma or concentrated in the periacinar zone. Degenerative and necrotic changes were observed in the epithelium of the forestomachs. There was also necrosis of the lymphoid tissue. Skeletal muscles showed hyaline degeneration and fiber necrosis. The necrotic fragments contained floccular or granular debris with infiltration by macrophages and satellite cells.Folhas verdes de Melia azedarach foram administradas em dose única a 11 bovinos nas doses de 5 a 30g/kg de peso vivo. Os sinais clínicos caracterizaram-se por depressão, atonia ruminal, fezes duras com sangue, incoordenação, tremores musculares, decúbito esternal, hipotermia e dores abdominais. Os níveis séricos de AST e CPK estavam aumentados. O aparecimento dos sinais clínicos foi observado entre 8-24 horas após a ingestão das folhas e o curso clínico durou entre 2 e 72 horas. Três animais que receberam 30g/kg morreram. Os achados macroscópicos caracterizaram-se por congestão dos intestinos e do cérebro, fígado amarelado e presença de fezes duras com sangue no reto. Os hepatócitos estavam tumefeitos e com vacuolização citoplasmática. Observaram-se hepatócitos necróticos distribuídos no parênquima ou próximos à veia centrolobular. Lesões degenerativas e necróticas foram observadas no epit

  13. Danos visuais e anatômicos causados pelo glyphosate em folhas de Eucalyptus grandis Visible and anatomic damages caused by glyphosate in Eucalyptus grandis leaves

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    L.D. Tuffi Santos

    2008-03-01

    Full Text Available A sintomatologia é um dos principais critérios adotados para avaliar os danos causados por fatores bióticos e abióticos em plantas. Contudo, aspectos microscópicos são necessários na compreensão dos mecanismos de intoxicação e no diagnóstico precoce da injúria. Objetivou-se no presente estudo avaliar os efeitos da deriva simulada de quatro formulações comerciais de glyphosate (Scout®, Roundup NA®, Roundup transorb® e Zapp QI® sobre a morfoanatomia foliar de seis clones de Eucalyptus grandis (UFV01, UFV02, UFV03, UFV04, UFV05 e UFV06. Após a aplicação do glyphosate na dose de 129,6 g ha-1, acompanhou-se diariamente o surgimento de sintomas, e aos 14 dias coletaram-se amostras de folhas aparentemente sadias para as análises microscópicas. Todos os clones apresentaram cloroses e necroses a partir do quarto dia de exposição, independentemente da formulação utilizada. O clone UFV04 não apresentou injúrias anatômicas. Nos demais clones, os herbicidas ocasionaram plasmólise, colapso celular, hipertrofia e formação de tecido de cicatrização, porém não foram diagnosticadas variações na espessura das folhas. Visualmente, o Roundup transorb® foi o herbicida que provocou maior intoxicação nas plantas. Anatomicamente, plantas expostas ao Roundup NA® apresentaram maior número de danos. O clone UFV06 foi o mais sensível à ação das formulações testadas, considerando-se tanto a análise visual quanto a anatômica. Os resultados confirmam o valor diagnóstico da análise visual e prognóstico da anatomia vegetal, sendo o estudo conjunto desses parâmetros fundamental para avaliar a sensibilidade entre os clones e o potencial fitotóxico de herbicidas.Symptomatology is one of the most important criteria used to determine the damages caused by biotic and abiotic factors in plants. However, microscopic aspects are needed to elucidate intoxication mechanisms and early injury diagnosis. This work aimed to evaluate the

  14. Influência da adubação silicatada no teor de clorofila em folhas de roseira Influence of silicate fertilization on chlorophylls of rose leaves

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marco Locarno

    2011-04-01

    Full Text Available A realização de estudo da adubação silicatada em roseiras é justificada com o intuito de reduzir o número de aplicações de defensivos agrícolas, podendo aumentar a produtividade e a qualidade dos botões florais na colheita e pós-colheita. A absorção de silício difere entre as espécies vegetais. Há evidências de que o envolvimento dos silicatos na indução de resistência pode ocorrer pela participação do próprio silício, fortificando estruturas da parede celular, conferindo aumento da lignificação. Baseando nos benefícios desse elemento, realizou-se o experimento para avaliar o efeito da adubação silicatada no teor de clorofila, em folhas de roseiras. O experimento foi instalado em casa de vegetação, em chácara comercial de produção de rosas, da variedade Versília®. Os tratamentos testados consistiram da aplicação de silício utilizando-se como fonte o silicato de potássio, acrescido ou não de fosfito. Utilizaram-se 4 doses de silício: 0, 427,5; 855 e 1282,5 mg L-1, que corresponde a 0; 0,25; 0,5 e 0,75% na calda de pulverização. O delineamento utilizado foi em blocos casualizados, em esquema fatorial (2x4. As aplicações das doses 0,25 e 0,50% de silicato de potássio na calda foliar em roseira influenciaram os teores de clorofila a, b e clorofila total das folhas, proporcionando maiores teores em comparação com os demais tratamentos.The study of silicate fertilization in crop roses is justified with the purpose of reducing the use of defensives, increasing yield, and enhancing the quality of stem flowers in harvest and postharvest. The uptake of silicon is different among species. There is evidence that silicates involved in resistance induction can occur with the participation of silicon itself, reinforcing cellular wall (apoplast structures and increasing lignification. Based on the benefits of this element, an assay was carried out to evaluate the effect of silicate fertilization on the

  15. Plasticidade anatômica da folha de taro cultivado sob diferentes condições de sombreamento Leaf plasticity in taro plants under different shade conditions

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ancélio Ricardo de Oliveira Gondim

    2008-12-01

    Full Text Available O cultivo consorciado pode levar ao sombreamento de uma das culturas acarretando alterações morfológicas externas e internas e na produtividade da cultura sombreada. O taro [Colocasia esculenta (L. Schott], é uma Araceae de ciclo cultural longo, o que dificulta seu cultivo em propriedades com limitação de área. A associação do taro com outras culturas é uma opção para situações dessa natureza; todavia, definir o nível de tolerância das plantas de taro ao sombreamento é de fundamental importância para se planejar seu cultivo no sistema de consórcio. O trabalho teve como objetivo avaliar as alterações anatômicas quantitativas em folhas e rizomas de taro 'Japonês', cultivadas sob intensidades de sombreamento de 0%, 18%, 30% e 50%, visando obter subsídios para entender a redução de produtividade quando consorciada com espécies de maior porte. O aumento do sombreamento promoveu mudanças na proporção de células e tecidos, como redução da espessura da folha, do parênquima paliçádico e do aerênquima e da densidade de estômatos. Pode-se concluir que o taro possui plasticidade anatômica da lâmina foliar quando submetido a diferentes intensidades de sombreamento, o que provavelmente interfere na sua capacidade fotossintética e na redistribuição de fotoassimilados nos órgãos vegetativos.The intercropping system can cause shading of one associated crop, leading to morphological, anatomical and yield changes in the shaded crop. The taro [Colocasia esculenta (L. Schott] crop, is a long cicle Araceae species, that is difficult for cultivated in small properties. The association of taro plants with other crops is an option in these situations. However defining the tolerance level of taro plants to shading is an important point to design the associated system. The aim of this work was to evaluate quantitative anatomical characteristics in taro 'Japonês' leaves and rhyzomes. In order to understand the yield decrease in

  16. A new flavonoid from Selaginella tamariscina

    Institute of Scientific and Technical Information of China (English)

    Jian Feng Liu; Kang Ping Xu; De Jian Jiang; Fu Shuang Li; Jian Shen; Ying Jun Zhou; Ping Sheng Xu; Bin Tan; Gui Shan Tan

    2009-01-01

    6-(2-Hydroxy-5-acetylphenyl)-apigenin (1),a new flavonoid with a phenyl substituent,was first isolated from Selaginella tamariscina.Its structure was elucidated on the basis of 1D and 2D NMR as well as ESI-HR-MS spectroscopic analysis.

  17. Structure-cytotoxicity relationships for dietary flavonoids

    DEFF Research Database (Denmark)

    Breinholt, V.; Dragsted, L.O.

    1998-01-01

    and metabolic capacity among the different cell types. In 3T3 cells fairly consistent structure-cytotoxicity relationships were found. The most cytotoxic structures tested in 3T3 cells were flavonoids with adjacent 3',4' hydroxy groups on the B-ring, such as luteolin, quercetin, myricetin, fisetin, eriodictyol...

  18. Flavonoids as Inhibitors of Human Butyrylcholinesterase Variants

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maja Katalinić

    2014-01-01

    Full Text Available The inhibition of butyrylcholinesterase (BChE, EC 3.1.1.8 appears to be of interest in treating diseases with symptoms of reduced neurotransmitter levels, such as Alzheimer’s disease. However, BCHE gene polymorphism should not be neglected in research since it could have an effect on the expected outcome. Several well-known cholinergic drugs (e.g. galantamine, huperzine and rivastigmine originating from plants, or synthesised as derivatives of plant compounds, have shown that herbs could serve as a source of novel target-directed compounds. We focused our research on flavonoids, biologically active polyphenolic compounds found in many plants and plant-derived products, as BChE inhibitors. All of the tested flavonoids: galangin, quercetin, fisetin and luteolin reversibly inhibited usual, atypical, and fluoride-resistant variants of human BChE. The inhibition potency increased in the following order, identically for all three BChE variants: luteolinflavonoids exists in view of BChE polymorphism. Our results suggested that flavonoids could assist the further development of new BChE-targeted drugs for treating symptoms of neurodegenerative diseases and dementia.

  19. Flavonoids protecting food and beverages against light.

    Science.gov (United States)

    Huvaere, Kevin; Skibsted, Leif H

    2015-01-01

    Flavonoids, which are ubiquitously present in the plant kingdom, preserve food and beverages at the parts per million level with minor perturbation of sensory impressions. Additionally, they are safe and possibly contribute positive health effects. Flavonoids should be further exploited for the protection of food and beverages against light-induced quality deterioration through: (1) direct absorption of photons as inner filters protecting sensitive food components; (2) deactivation of (triplet-)excited states of sensitisers like chlorophyll and riboflavin; (3) quenching of singlet oxygen from type II photosensitisation; and (iv) scavenging of radicals formed as reaction intermediates in type I photosensitisation. For absorption of light, combinations of flavonoids, as found in natural co-pigmentation, facilitate dissipation of photon energy to heat thus averting photodegradation. For protection against singlet oxygen and triplet sensitisers, chemical quenching gradually decreases efficiency hence the pathway to physical quenching should be optimised through product formulation. The feasibility of these protection strategies is further supported by kinetic data that are becoming available, allowing for calculation of threshold levels of flavonoids to prevent beer and dairy products from going off. On the other hand, increasing understanding of the interplay between light and matrix physicochemistry, for example the effect of aprotic microenvironments on phototautomerisation of compounds like quercetin, opens up for engineering better light-to-heat converting channels in processed food to eventually prevent quality loss.

  20. Two New Flavonoid Glycosides from Chrysanthemum morifolium

    Institute of Scientific and Technical Information of China (English)

    Jian ZHANG; An Wei DING; You Bin LI; Da Wei QIAN; Jin Ao DUAN; Zhi Qi YIN

    2006-01-01

    Two new flavonoid glycosides were isolated from the flowering heads of Chrysanthemum morifolium. Their structures were determined to be luteolin 4'-methoxy-7- O-(6"-O-acetyl)-β-D-glucopyranoside (1) and acacetin 7-O-(3"-O-acetyl)-β-D-glucopyranoside (2) by means of 1H and 13C NMR spectroscopic analysis, including 2D NMR technique.

  1. Absorption, bioavailability and metabolism of flavonoids

    NARCIS (Netherlands)

    Hollman, P.C.H.

    2004-01-01

    To unravel mechanisms of action of dietary flavonoids in their potential role in disease prevention, it is crucial to know the factors that determine their release from foods, their extent of absorption, and their fate in the organism. Research on absorption, metabolism, and bioavailability of flavo

  2. Petrographic characterization and preliminary lithogeochemistry of albitites from Folha Bramado, northwest of Bahia state, Brazil; Caracterizacao petrografica e litogeoquimica preliminar dos abititos da Folha Brumado - NW do estado da Bahia, Brasil

    Energy Technology Data Exchange (ETDEWEB)

    Burgos, Cristina Maria; Pinho, Ivana Conceicao de Araujo; Martins, Adriano Alberto Marques; Teixeira, Leo Rodrigues; Oliveira, Rita Cunha Leal Menezes de; Cruz Filho, Basilio Elesbao da; Wosniak, Ricardo, E-mail: cristina.burgos@cprm.gov.br, E-mail: ivana.pinho@cprm.gov.br, E-mail: adriano.martins@cprm.gov.br, E-mail: leo.teixeira@cprm.gov.br, E-mail: rita.oliveira@cprm.gov.br, E-mail: basilio.filho@cprm.gov.br, E-mail: ricardo.wosniak@cprm.gov.br [Servico Geologico do Brasil (CPRM), Salvador, BA (Brazil). Superintendencia Regional

    2011-07-01

    The mapping geological works carried out by CPRM, in the scope of the Brumado-Condeuba Project, had proceeded to the sampling from granitoids in the 'Folha Brumado'. The majority of the samples were classified as biotite gneiss and two of them recognized as albitites. Lithogeochemical data had proved that the rocks are alkaline, metaluminous, potash-rich (except for the two classified as albitites that are soda-rich), enriched in rare earth elements, with negative anomaly in europium and typical standards of A-type granitoids. They had been located in the field of the within-plate granites in the discrimination diagrams for the tectonic interpretation. The albitites of the 'Folha Brumado' are similar to the albitites that had been described in the Uranium Province of Lagoa Real. (author)

  3. Effect in the quality of intact and minimally processed leaves of collard greens stored at different temperatures Alterações na qualidade de folhas de couve inteiras e minimamente processadas conservadas em diferentes temperaturas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Adriano do N Simões

    2010-03-01

    baixas temperaturas, em associação com o uso de embalagens adequadas, continua sendo uma das soluções tecnológicas utilizadas para minimizar ou retardar as mudanças que ocorrem durante a conservação. Foram estudadas as alterações físico-químicas causadas logo após o processamento mínimo e durante a conservação de folhas de couve-comum (Brassica oleracea var. acephala inteiras e minimamente processadas, mantidas em sacos de polipropileno de 50 µm de espessura, com perfurações de 810 µm de diâmetro. As folhas foram conservadas por 15 e 9 dias, a 5 e 10± 1ºC, respectivamente. Logo após o processamento mínimo observou-se perda de clorofilas totais, açúcares solúveis, amido e aminoácidos solúveis. As taxas de degradação e/ou utilização da clorofila total, ácido ascórbico, açúcares solúveis e amido durante a conservação das folhas inteiras e minimamente processadas mantidas a 5 e/ou 10± 1ºC foram semelhantes, com exceção para perda de massa fresca e aminoácidos solúveis. As folhas minimamente processadas apresentaram perda de massa fresca quase duas vezes superior às folhas inteiras com nove dias de conservação, independentemente da temperatura. Um aumento transitório no teor de aminoácidos solúveis no final da conservação também foi observado em folhas minimamente processadas. O aumento da temperatura de conservação para 10ºC potencializou as alterações químicas tanto em folhas inteiras e minimamente processadas, resultando em elevadas taxas de degradação e/ou utilização de clorofilas, ácido ascórbico, açúcares e amido, além de estimular o acúmulo de aminoácidos solúveis. É necessária a contínua busca de embalagens alternativas àquelas existentes para couve minimamente processada, associado à conservação em baixas temperaturas, para simular as condições de distribuição e comercialização e, assim, minimizar as alterações físico-químicas que reduzem a qualidade do produto final.

  4. A certain East: the characterization of palestinians and israelis in the photographic coverage of the Folha de S. Paulo Um certo Oriente: a caracterização de palestinos e israelenses na cobertura fotográfica da Folha de S. Paulo

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Regina Krauss

    2012-05-01

    Full Text Available The aim of this paper is to present an image analysis of photographic coverage on the conflict between palestinians and israelis through the covers of Folha de S. Paulo in five periods of dispute intensification: from 1947 up to 1948, establishment of the State of Israel, 1967, the Six Day War with Gaza and West Bank Israeli occupation, from 1987 up to 1988, the beginning of the first Palestinian Intifada, from 2000 to 2004, second Intifada and finally december 2008 to january 2009, when occured the largest israeli attack on palestine. The paper considers the characterization of the two sides involved from the schemes of representation chosen in each period, using as supportthe theoretical concepts of the image and the Bystrina semiotics of culture to understand how it produces the representation of otherness in the opposition West versus East. Relate the changes in the field of representation, starting from the official photographic information in the first decades, until a strategy of emotional appeal and strongly linked to spectacularization and mythologizing of the characters researched in recent years.Este trabalho apresenta a análise da cobertura imagética do conflito entre palestinos e israelenses nas capas da Folha de S. Paulo em cinco períodos de recrudescimento do litígio: 1947 a 1948, estabelecimento do Estado de Israel; 1967, Guerra dos Seis Dias e ocupação israelense da Faixa de Gaza e Cisjordânia; 1987 a 1988, início da primeira Intifada palestina; 2000 a 2004, segunda Intifada e dezembro de 2008 a janeiro de 2009, período do maior ataque israelense ao território palestino. A partir dos esquemas de representação escolhidos pelo veículo em cada período, atenta para a caracterização dos lados envolvidos utilizando como subsídio os conceitos de teóricos da imagem e a semiótica da cultura de Bystrina, além das noções de estereótipo e arquétipo para compreender de que modo se elabora a construção da alteridade

  5. Analysis of flavonoids and the flavonoid structural genes in brown fiber of upland cotton.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Hongjie Feng

    Full Text Available BACKGROUND: As a result of changing consumer preferences, cotton (Gossypium Hirsutum L. from varieties with naturally colored fibers is becoming increasingly sought after in the textile industry. The molecular mechanisms leading to colored fiber development are still largely unknown, although it is expected that the color is derived from flavanoids. EXPERIMENTAL DESIGN: Firstly, four key genes of the flavonoid biosynthetic pathway in cotton (GhC4H, GhCHS, GhF3'H, and GhF3'5'H were cloned and studied their expression profiles during the development of brown- and white cotton fibers by QRT-PCR. And then, the concentrations of four components of the flavonoid biosynthetic pathway, naringenin, quercetin, kaempferol and myricetin in brown- and white fibers were analyzed at different developmental stages by HPLC. RESULT: The predicted proteins of the four flavonoid structural genes corresponding to these genes exhibit strong sequence similarity to their counterparts in various plant species. Transcript levels for all four genes were considerably higher in developing brown fibers than in white fibers from a near isogenic line (NIL. The contents of four flavonoids (naringenin, quercetin, kaempferol and myricetin were significantly higher in brown than in white fibers and corresponding to the biosynthetic gene expression levels. CONCLUSIONS: Flavonoid structural gene expression and flavonoid metabolism are important in the development of pigmentation in brown cotton fibers.

  6. Avaliação da atividade antibacteriana de folhas de Myrtus communis L. (Myrtaceae Evaluation of the antibacterial activity of Myrtus communis L. (Myrtaceae leaves

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luiz Estevão Salvagnini

    2008-06-01

    Full Text Available O óleo essencial e o extrato etanólico obtidos a partir de folhas de Myrtus communis foram avaliados quanto 'a atividade inibitória frente a vários microrganismos. Os halos de inibição de crescimento foram avaliados através das técnicas de "template" e difusão em disco para as linhagens de Staphylococcus aureus, Staphylococcus epidermidis, Escherichia coli, Bacillus subtilis e Serratia marcescens. Os resultados obtidos evidenciaram que o óleo de M. communis apresentou atividade antibacteriana superior ao extrato etanólico frente a todas as bactérias. A atividade demonstrada tanto para o óleo como para o extrato etanólico frente a algumas linhagens, foi melhor evidenciada pela técnica "template". E. coli foi resistente ao óleo e extrato etanólico testados.We have studied the crude essential oil and crude ethanol extract from Myrtus communis leaves for possible antimicrobial activity against pathogenic bacteria. The halos of growth inhibition had been evaluated through the techniques of "template" and disk diffusion assays to the strains Staphylococcus aureus, Staphylococcus epidermidis, Escherichia coli, Bacillus subtilis and Serratia marcescens. The results demonstrated that M. communis oil presented superior antibacterial activity to all strains. The template assay was the best method to determine the antibacterial activity exhibited by the oil and extract to the strains. E. coli was resistant to the oil and ethanol extract tested.

  7. The Role of Flavonoids on Oxidative Stress in Epilepsy

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Tâmara Coimbra Diniz

    2015-01-01

    Full Text Available Backgrounds. Oxidative stress can result from excessive free-radical production and it is likely implicated as a possible mechanism involved in the initiation and progression of epileptogenesis. Flavonoids can protect the brain from oxidative stress. In the central nervous system (CNS several flavonoids bind to the benzodiazepine site on the GABAA-receptor resulting in anticonvulsive effects. Objective. This review provides an overview about the role of flavonoids in oxidative stress in epilepsy. The mechanism of action of flavonoids and its relation to the chemical structure is also discussed. Results/Conclusions. There is evidence that suggests that flavonoids have potential for neuroprotection in epilepsy.

  8. Genes diferencialmente expressos em cana-de-açúcar inoculada com Xanthomonas albilineans, o agente causal da escaldadura da folha

    National Research Council Canada - National Science Library

    Karina Maia Dabbas; Maria Inês Tiraboschi Ferro; Neli Martins de Barros; Marcelo Luiz de Laia; Sonia Marli Zingaretti; Poliana Fernanda Giachetto; Vicente Alberto de Moraes; Jesus Aparecido Ferro

    2006-01-01

    ...) em folhas de cana-de-açúcar. Foram utilizadas duas variedades, uma resistente (SP82-1176) e outra suscetível (SP78-4467) a Xanthomonas albilineans as quais foram infectadas mecanicamente por ferimentos...

  9. Substâncias fenólicas, flavonoides e capacidade antioxidante em erveiras sob diferentes coberturas do solo e sombreamentos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    T.S. FERRERA

    Full Text Available RESUMO Objetivou neste trabalho analisar a concentração de polifenóis totais, flavonoides e capacidade antioxidantes por meio dos métodos ABTS e FRAP, em erveiras jovens cultivadas em solo coberto e com sombreamento. Mudas de erva-mate foram submetidas aos tratamentos com solos cobertos e desnudos em sombreamentos de 0, 18, 35 e 50%, após sete e onze meses de cultivo, verão e outono, respectivamente. Foram coletadas folhas maduras para realização dos extratos utilizados para as análises de compostos fenólicos por meio da reação de oxirredução com reagente de Folin-Ciocalteu, flavonoides por método colorimétrico e capacidade antioxidante por frente ao radical ABTS e poder de redução do ferro (FRAP. O teor de compostos fenólicos foi maior nos tratamentos com 35% de sombreamento em comparação ao grupo dos flavonoides e capacidade antioxidante, o que foi demonstrado pela correlação do sombreamento com estes parametros. No método FRAP a maior correlação demonstra que o outono é a melhor época de colheita por apresentar maior concentração de compostos fitoquímicos. Ficou evidente a influência positiva dos sombreamentos (35 e 50% no teor de compostos fenólicos e flavonoides relacionados à capacidade antioxidante e à qualidade da erva-mate para atender ao mercado consumidor.

  10. Metode Cepat Identifikasi Flavonoid dari Daun Ocimum sanctum L. (Selasih

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Diah Dhianawaty

    2012-03-01

    Full Text Available A plant’s effectiveness as a herbal drug comes from its chemical content such as flavonoids. Flavonoids are useful for human body health. Therefore flavonoids content can be used as a marker from the usefulness of a plant, and rapid identification method of flavonoid is needed. The objective of the research was to get a rapid method of flavonoid content identification from Ocimum sanctum. The extraction, isolation and identification of flavonoids from Ocimum sanctum leaves has been done at Medical Chemistry laboratory Faculty of Medicine Universitas Padjadjaran in 2005. Flavonoids were extracted continually by 95% ethanol, were isolated with paper chromatography/cellulose TLC and 2% acetic acid, then continued with elucidation reagents: n-butanol–acetic acid–water, chloroform–acetic acid–water, forestall, 5%, 15%, 35% and 50% acetic acids. Flavonoids were identified with diagnostic reagents and ultraviolet light. Isolation with 2% and 35% acetic acids respectively gave two spots of flavonoids as flavon, FOAc-1 had Rf=0.69 and FOAc-2 had Rf=0.57. The other elucidation reagents gave one spot of flavonoid. In conclusion, isolation with 2% and 35% acetic acids respectively and identification with diagnostic reagent and ultraviolet light is a rapid method for identification of flavonoids content in Ocimum sanctum

  11. Metabolism of Flavonoids in Novel Banana Germplasm during Fruit Development

    Science.gov (United States)

    Dong, Chen; Hu, Huigang; Hu, Yulin; Xie, Jianghui

    2016-01-01

    Banana is a commercially important fruit, but its flavonoid composition and characteristics has not been well studied in detail. In the present study, the metabolism of flavonoids was investigated in banana pulp during the entire developmental period of fruit. ‘Xiangfen 1,’ a novel flavonoid-rich banana germplasm, was studied with ‘Brazil’ serving as a control. In both varieties, flavonoids were found to exist mainly in free soluble form and quercetin was the predominant flavonoid. The most abundant free soluble flavonoid was cyanidin-3-O-glucoside chloride, and quercetin was the major conjugated soluble and bound flavonoid. Higher content of soluble flavonoids was associated with stronger antioxidant activity compared with the bound flavonoids. Strong correlation was observed between antioxidant activity and cyanidin-3-O-glucoside chloride content, suggesting that cyanidin-3-O-glucoside chloride is one of the major antioxidants in banana. In addition, compared with ‘Brazil,’ ‘Xiangfen 1’ fruit exhibited higher antioxidant activity and had more total flavonoids. These results indicate that soluble flavonoids play a key role in the antioxidant activity of banana, and ‘Xiangfen 1’ banana can be a rich source of natural antioxidants in human diets. PMID:27625665

  12. Características morfo-anatômicas e bromatológicas de folhas de amoreira em relação às preferências do bicho-da-seda Mulberry leaf morphological, anatomical and bromatological characteristics in relation to silkworm preferences

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fumiko Okamoto

    2006-02-01

    Full Text Available O objetivo deste trabalho foi avaliar, quantitativamente, as características morfo-anatômicas e bromatológicas das folhas de dez cultivares de amoreira, e estabelecer as relações de preferência do bicho-da-seda, por essas cultivares. Foram coletadas as folhas superior (5ª e mediana (15ª da planta, contadas a partir do ápice. As cultivares foram comparadas pelos métodos estatísticos multivariados de análise de agrupamento e análise de componentes principais. As cultivares Korin, Calabresa, IZ 5/2 e IZ 15/7 foram consideradas as mais recomendáveis para a alimentação das lagartas do bicho-da-seda, pois apresentaram valores altos de porcentagem de folha consumida, atribuídos à ocorrência de características desejáveis nas folhas, tais como menor teor de fibra bruta, menor quantidade de idioblastos de cistólito e de mucilagem, menor proporção de epiderme e maior de parênquima, comparativamente, às outras cultivares estudadas. As cultivares IZ 13/6 e IZ 57/2 foram consideradas as menos recomendáveis. As demais cultivares comportaram-se como intermediárias na preferência do bicho-da-seda.The objective of this work was to evaluate quantitatively the morphological, anatomical and bromatological characteristics of leaves of ten mulberry cultivars, and to establish the preferences shown by the silkworm. The upper (5th and median (15th leaves were collected taking branch top into account. In order to compare cultivars, multivariate statistic methods of cluster analysis and principal component analysis were used. The cultivars Korin, Calabresa, IZ 5/2 and IZ 15/7 were considered as the most appropriate to feed silkworms, since they presented high percentage values of eaten leaves, due to certain characteristics such as lower crude fiber contents, lower quantity of cystolith and mucilage idioblasts, lower proportions of epidermis and higher quantities of parenchyma, in relation to the other studied cultivars. Cultivars IZ 13/6 and

  13. MiDAS

    DEFF Research Database (Denmark)

    McIlroy, Simon Jon; Kirkegaard, Rasmus Hansen; McIlroy, Bianca

    A deep understanding of the microbial communities and dynamics in wastewater treatment systems is a powerful tool for process optimization and design (Rittmann et al., 2006). With the advent of amplicon sequencing of the 16S rRNA gene, the diversity within the microbial communities can now...... web platform about the microbes in activated sludge and their associated ADs. The MiDAS taxonomy proposes putative names for each genus-level-taxon that can be used as a common vocabulary for all researchers in the field....

  14. Durch das Leben lernen

    OpenAIRE

    Ingolf Waßmann; Daniel Versick; Anja Thomanek; Djamshid Tavangarian

    2014-01-01

    Web 2.0 und soziale Netzwerke gaben erste Impulse für neue Formen der Online-Lehre, welche die umfassende Vernetzung von Objekten und Nutzern im Internet nachhaltig einsetzen. Die Vielfältigkeit der unterschiedlichen Systeme erschwert aber deren ganzheitliche Nutzung in einem umfassenden Lernszenario, das den Anforderungen der modernen Informationsgesellschaft genügt. In diesem Beitrag wird eine auf dem Konnektivismus basierende Plattform für die Online-Lehre namens “Wiki-Learnia” präsentiert...

  15. Natural Flavonoids as Promising Analgesic Candidates: A Systematic Review.

    Science.gov (United States)

    Xiao, Xiao; Wang, Xiaoyu; Gui, Xuan; Chen, Lu; Huang, Baokang

    2016-11-01

    Due to the chemical structural diversity and various analgesic mechanisms, an increasing number of studies indicated that some flavonoids from medicinal plants could be promising candidates for new natural analgesic drugs, which attract high interests of advanced users and academic researchers. The aim of this systematic review is to report flavonoids and its derivatives as new analgesic candidates based on the pharmacological evidences. Sixty-four papers were found concerning the potential analgesic activity of 46 flavonoids. In this case, the evidence for analgesic activity of flavonoids and total flavonoids was investigated. Meanwhile, the corresponding analgesic mechanism of flavonoids was discussed by generalizing and analyzing the current publications. Based on this review, the conclusion can be drawn that some flavonoids are promising candidates for painful conditions and deserve particular attention in further research and development.

  16. Influência do dano físico na fisiologia pós-colheita de folhas de taioba

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Teresa Drummond Correia Mendes

    2011-01-01

    Full Text Available Folhas de taioba danificadas fisicamente tornam-se amarelas e escuras na região do dano. Assim, o objetivo deste trabalho foi avaliar o efeito do dano físico sobre o metabolismo pós-colheita de folhas de taioba. Para esse fim, avaliou-se o teor de clorofila e o acúmulo de compostos fenólicos solúveis em discos foliares de taioba que continham furos realizados com uma agulha em um dos lados da folha, simulando os danos sofridos no campo e transporte. O lado não danificado foi usado como tratamento controle. Para a avaliação da produção de etileno e CO2, discos foliares danificados e intactos foram infiltrados com ácido 1-carboxílico-1-aminociclopropano (ACC ou com água desionizada. Houve acentuada queda de clorofila nas primeiras 24 horas após a colheita, porém, o dano físico não estimulou a degradação da clorofila ou elevação da produção de etileno. Entretanto, nos discos foliares danificados e infiltrados com ACC, houve aumento transiente na produção de etileno após 4 horas da realização do dano. Essa resposta demonstra que a enzima ACC sintase não é estimulada pelo dano e a enzima ACC oxidase tem sua atividade aumentada apenas por um curto período. Em contrapartida, as folhas danificadas tiveram maior acúmulo de compostos fenólicos e elevada taxa respiratória.

  17. Between science and representations: schizophrenia and its characters in the pages of Folha de S.Paulo

    OpenAIRE

    Garcia, Carla Costa

    2013-01-01

    A theme located at the intersection between health and society and media coverage marked by the meeting between journalism and science. Based on this context and based on the assumption news as a social construction and product of culture, this paper analyzes 35 reports in the Folha de S.Paulo newspaper in 2009 about schizophrenia and its characters. News stories that discuss mental illness that carries the greatest stigma and reaches almost 2 million Brazilians and refer to clinical and scie...

  18. Flavonoids, flavonoid subclasses and breast cancer risk: a meta-analysis of epidemiologic studies.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Chang Hui

    Full Text Available BACKGROUND: Studies have suggested the chemopreventive effects of flavonoids on carcinogenesis. Yet numbers of epidemiologic studies assessing dietary flavonoids and breast cancer risk have yielded inconsistent results. The association between flavonoids, flavonoid subclasses (flavonols, flavan-3-ols, etc. and the risk of breast cancer lacks systematic analysis. OBJECTIVE: We aimed to examine the association between flavonoids, each flavonoid subclass (except isoflavones and the risk of breast cancer by conducting a meta-analysis. DESIGN: We searched for all relevant studies with a prospective cohort or case-control study design published before July 1(st, 2012, using Cochrane library, MEDLINE, EMBASE and PUBMED. Summary relative risks (RR were calculated using fixed- or random-effects models. All analyses were performed using STATA version 10.0. RESULTS: Twelve studies were included, involving 9 513 cases and 181 906 controls, six of which were prospective cohort studies, and six were case-control studies. We calculated the summary RRs of breast cancer risk for the highest vs lowest categories of each flavonoid subclass respectively. The risk of breast cancer significantly decreased in women with high intake of flavonols (RR=0.88, 95% CI 0.80-0.98 and flavones (RR=0.83, 95% CI: 0.76-0.91 compared with that in those with low intake of flavonols and flavones. However, no significant association of flavan-3-ols (RR=0.93, 95% CI: 0.84-1.02, flavanones (summary RR=0.95, 95% CI: 0.88-1.03, anthocyanins (summary RR=0.97, 95% CI: 0.87-1.08 or total flavonoids (summary RR=0.98, 95% CI: 0.86-1.12 intake with breast cancer risk was observed. Furthermore, summary RRs of 3 case-control studies stratified by menopausal status suggested flavonols, flavones or flavan-3-ols intake is associated with a significant reduced risk of breast cancer in post-menopausal while not in pre-menopausal women. CONCLUSIONS: The present study suggests the intake of flavonols

  19. Constituintes químicos e avaliação das atividades antibacteriana e antiedematogênica de Aloysia gratissima (Gillies & Hook.) Tronc. e Aloysia virgata (Ruiz & Pav.) Pers., Verbenaceae

    OpenAIRE

    Fábio Vandresen; Elisângela Schmitt; Lucília Kato; Cecília Maria Alves de Oliveira; Ciomar Aparecida Bersani Amado; Cleuza Conceição da Silva

    2010-01-01

    O estudo químico de Aloysia gratissima (Gillies & Hook.) Tronc. e Aloysia virgata (Ruiz & Pav.) Pers., Verbenaceae, resultou no isolamento de quatorze substâncias. Suas estruturas foram determinadas com base nos dados de IV, RMN de ¹H e de 13C uni e bidimensionais e comparação com dados da literatura. A atividade antibacteriana do extrato bruto das folhas e caules e das frações de A. virgata, bem como as substâncias hoffmaniacetona e seu monoacetato, verbascosídeo e arenariosídeo, for...

  20. Das ATHENA-Projekt: [

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Passenheim, Renate

    2006-02-01

    Full Text Available [english] Since the winter semester of 2002/03, the Medical Faculty of the University of Heidelberg has been using the electronic learning environment ATHENA. It is the "virtual bulletin board" for the exchange and provision of information on the study of medicine within the faculty. Since 2004/05, the platform has been operated using the open source system LRN. The system is used with the focus on document management. The use of the interactive learning contents and programme takes place as a web-based support of the required attendance classes and independent study. The tools available on the platform are used within the departments for the integration of computer-assisted examination concepts, and the conducting of online course evaluations. [german] Seit dem Wintersemester 2002/03 setzt die Medizinische Fakultät Heidelberg die elektronische Lernumgebung ATHENA ein. Sie ist das "Virtuelle Schwarze Brett" für den Austausch und die Bereitstellung von Informationen zum Medizinstudium an der Fakultät. Seit 2004/05 wird die Plattform mit dem Open-Source-System .LRN betrieben. Das System wird eingesetzt mit dem Schwerpunkt der Kurs- und Dokumentenverwaltung. Die Nutzung der interaktiven Lerninhalte und -programme erfolgt als webbasierte Unterstützung der Präsenzveranstaltungen sowie im Selbststudium. Die in der Plattform verfügbaren Tools werden in den Fachbereichen zur Integration computerunterstützter Prüfungskonzepte sowie zur Durchführung von Online-Kursevaluationen eingesetzt.

  1. Checklist das espécies de Lauxaniidae (Insecta, Diptera do estado do Mato Grosso do Sul

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Vera Cristina Silva

    Full Text Available RESUMO Lauxaniidae é uma das maiores famílias de Diptera Schizophora, com distribuição mundial, muito abundante nas áreas tropicais. A família está composta por cerca de 1.550 espécies. Os adultos apresentam o corpo pequeno a relativamente grande (2-11 mm, com coloração variada, muitas vezes com marcas, manchas, listras ou padrões reticulados. As larvas são conhecidas como saprófagas, alimentando-se em uma variedade de matéria vegetal em decomposição e mesmo em capítulos de flores. Adultos são raspadores de fungos em folhas. A fauna brasileira de Lauxaniidae compreende, até o momento, 74 espécies das quais 8 possuem registro assinalado para o estado do Mato Grosso do Sul.

  2. Influência da aplicação de glyphosate na queda de frutos e de folhas de coqueiros Influence of glyphosate application on coconut fruit and leaf drop

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    S.O. Procopio

    2009-06-01

    Full Text Available O objetivo deste trabalho foi avaliar a queda de frutos e de folhas de coqueiros após a aplicação do herbicida glyphosate. O experimento foi instalado no município de Neópolis-SE, no período de agosto a setembro de 2007. O coqueiral da variedade Anão-Verde foi implantado há 11 anos, em área sob sistema de irrigação por microaspersão. O delineamento experimental foi o inteiramente casualizado, com cinco repetições, em esquema fatorial 3 x 3 + 1, sendo três doses do herbicida glyphosate (3,4; 6,8; e 13,6 g por planta, três formas de aplicação (produto aplicado apenas no estipe, da base a 1 m de altura; produto aplicado apenas no solo ao redor da copa, dentro de um raio de 2 m na zona de coroamento; e, ainda, a combinação das duas formas de aplicação, mais um tratamento adicional de controle sem aplicação. Durante quatro semanas, aos 7, 14, 21 e 28 dias após a aplicação dos tratamentos (DAA, realizou-se a contagem dos frutos caídos dos cachos de números 11, 12, 13, 14, 15, 16, 17, 18 e 19 e das folhas caídas. Aos 35 DAA, realizou-se a contagem dos frutos dos cachos 18 e 19 que possuíam valor comercial. Até os 28 DAA, o herbicida glyphosate não influenciou a queda de frutos e de folhas, independentemente da forma de aplicação, não havendo efeito desse herbicida sobre o número de frutos comerciais da colheita seguinte à aplicação.The objective of this work was to evaluate coconut fruit and leaf drop after glyphosate application. The experiment was carried out in Neopolis, Sergipe from August to September 2007. The experimental area was composed by 11-year-old coconut plants of the variety green-dwarf, irrigated with micro-sprinklers. The experiment was arranged in a completely randomized design with five replicates, and the treatments were arranged in a 3 x 3 + 1 factorial scheme, with three herbicide doses (3,4; 6,8; and 13,6 g per plant, three modes of herbicide application (on the trunk, from the base up to

  3. Condutância estomática em folhas de feijoeiro submetido a diferentes regimes de irrigação Stomatal conductance in leaves of bean plants submitted to different irrigation regimes

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Auricleia S. Paiva

    2005-04-01

    Full Text Available O controle estomático é importante propriedade fisiológica por meio da qual as plantas limitam a perda de água, ocasionando reduções na condutância estomática e, geralmente, reduzindo as trocas gasosas como forma de resposta das plantas a diversos fatores, incluindo o estresse hídrico. O objetivo deste trabalho foi determinar a condutância estomática em folhas de feijoeiro submetido a diferentes regimes de irrigação. O experimento foi conduzido no Departamento de Engenharia Rural da Faculdade de Ciências Agrárias e Veterinárias de Jaboticabal - SP. As irrigações nos tratamentos foram determinadas em função do esgotamento de água no solo: T1 - irrigado quando esse atingiu 40% da capacidade de água disponível (CAD; T2 - quando atingiu 60% da CAD; T3 - quando atingiu 80% da CAD, e T4 - não irrigado (irrigado somente para favorecer a emergência das plântulas. As medições de condutância estomática foram realizadas diariamente no campo, nas duas faces da folha, utilizando-se de um porômetro. Em todos os tratamentos, em diversas medições, foi observada redução da condutância estomática em resposta a baixos valores de potencial mátrico e a altos valores de déficit de pressão de vapor e vice-versa. As folhas das plantas do tratamento T4, que foram submetidas a menor disponibilidade hídrica no solo, apresentaram os menores valores de condutância estomática durante os estádios do florescimento e enchimento de grãos.Stomatal control is an important physiological process for plants to reduce water loss. It causes reduction in stomatal conductance and generally in gas exchanges, as a response of several factors including water stress. The objective of this study was to determine the stomatal conductance of bean leaves submitted to different irrigation regimes. Field experiment was conducted at the São Paulo State University, in Jaboticabal, Brazil. Irrigation of the treatments occurred when available water

  4. In vitro antioxidant profiles of some flavonoids

    Science.gov (United States)

    Aksoy, Mine; Gülçin, Ilhami; Küfrevioǧlu, Ö. Irfan

    2016-04-01

    Baicalin ((2S,3S,4S,5R,6S)-6-(5,6-dihydroxy-4-oxo-2-phenyl-chromen-7-yl)oxy-3,4,5-trihydroxy-tetrahydropyran-2-carboxylic acid) and baicalein (5,6,7-trihydroxyflavone) are a flavone, a type of flavonoid. Baicalin is the glucuronide of baicalein. Phlorizin, or phloridzin is a naturally occurring flavonoid produced in some plants. It belongs to the group of dihydrochalcones. In this study, we investigated the in vitro antioxidant properties of baicalin, baicalein and phloridzin using different methods including ferric ion (Fe3+) reducing power, cupric ion (Cu2+) reducing power (CUPRAC method), reduction of Fe3+-TPTZ complex, 1,1-diphenyl-2-picrylhydrazyl free radicals (DPPH.) scavenging, 2,2'-azino-bis(3-ethylbenzthiazoline-6-sulphonic acid radicals (ABTS.+) scavenging activities. Also, butylated hydroxyanisole (BHA), butylated hydroxytoluene (BHT) and α-Tocopherol were used as standard antioxidants.

  5. Posição da folha e estádio fenológico do ramo para análise foliar do pinhão-manso Leaf position and phenological stage of branch for leaf analysis of Jatropha plants

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rosiane. L. S. de Lima

    2011-10-01

    Full Text Available A análise foliar é uma ferramenta imprescindível na predição de possíveis desordens nutricionais e avaliação do estádio nutricional das plantas. Este procedimento só é efetivo se a amostragem for feita com padronização da posição da folha no ramo e do tipo de ramo. Objetivou-se com este trabalho definir a posição da folha no ramo e o tipo de ramo mais apropriado para diagnosticar o estádio nutricional de plantas de pinhão-manso. O ensaio consistiu de uma combinação fatorial (5 x 2, com cinco posições da folha no ramo (1º, 2º, 3º, 5º e 10º nós do ramo do ápice para a base e dois tipos de ramo (vegetativo ou florífero em delineamento inteiramente casualizado com quatro repetições. Cada amostra de folha foi colhida em 4 ramos secundários de 20 plantas na fase de florescimento. As folhas das posições 2 e 3 são as mais adequadas para análise foliar de N, P, K, S, Cu, Fe, Mn e Zn, pois apresentam valores médios mais estáveis quando comparadas com as demais posições estudadas. As folhas nas posições 5 ou 10 são mais apropriadas para avaliação de Ca e Mg. O estádio fenológico do ramo não influencia os teores de nutrientes, exceto de Cu e Fe.Leaf analysis is an important tool for prediction of nutritional disorders and evaluation of nutritional status of plants. This procedure only can be effective if samples are standardized regarding leaf position and phenological stage of the branch. This study had the objective of defining the most appropriate leaf position and type of branch for nutritional diagnosis of Jatropha plants. A factorial combination of five leaf positions (1st, 2nd, 3rd, 5th, and 10th node from apex to base and two types of branch (vegetative and flowering was adopted in a completely randomized design with four replications. Each leaf sample was collected in 4 secondary branches of 20 plants in the flowering phase. Leaves in the position 2 and 3 are the most adequate for analyzing N, P, K

  6. Chemistry and Biological Activities of Flavonoids: An Overview

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Shashank Kumar

    2013-01-01

    Full Text Available There has been increasing interest in the research on flavonoids from plant sources because of their versatile health benefits reported in various epidemiological studies. Since flavonoids are directly associated with human dietary ingredients and health, there is need to evaluate structure and function relationship. The bioavailability, metabolism, and biological activity of flavonoids depend upon the configuration, total number of hydroxyl groups, and substitution of functional groups about their nuclear structure. Fruits and vegetables are the main dietary sources of flavonoids for humans, along with tea and wine. Most recent researches have focused on the health aspects of flavonoids for humans. Many flavonoids are shown to have antioxidative activity, free radical scavenging capacity, coronary heart disease prevention, hepatoprotective, anti-inflammatory, and anticancer activities, while some flavonoids exhibit potential antiviral activities. In plant systems, flavonoids help in combating oxidative stress and act as growth regulators. For pharmaceutical purposes cost-effective bulk production of different types of flavonoids has been made possible with the help of microbial biotechnology. This review highlights the structural features of flavonoids, their beneficial roles in human health, and significance in plants as well as their microbial production.

  7. Which sources of flavonoids: complex diets or dietary supplements?

    Science.gov (United States)

    Egert, Sarah; Rimbach, Gerald

    2011-01-01

    There is increasing interest in the potential health benefits of dietary flavonoids. Fruits and vegetables, tea, and cocoa are rich natural sources of flavonoids. Epidemiological studies have indicated that consumption of these foods is likely to be associated with a reduced risk of cardiovascular disease, but the etiology of this benefit is not yet clearly defined. Furthermore, in some acute interventions, a positive effect of tea and cocoa on vascular function has been reported. An alternative source of flavonoids is dietary supplements, which have become increasingly popular in the recent past. In this context, it needs to be critically evaluated whether vascular health-promoting and other positive properties of flavonoid-rich diets can be replaced by purified flavonoids as dietary supplements. Plant sources of flavonoids contain a complex mixture of secondary plant metabolites and not only flavonoids per se. This complex mixture of secondary plant metabolites cannot be simply exchanged by single purified compounds as dietary supplements. If flavonoids are given as dietary supplements, toxicity issues as well as nutrient drug interactions need to be taken into account. Purified flavonoids given in high doses as dietary supplements may affect trace element, folate, and vitamin C status. Furthermore, they may exhibit antithyroid and goitrogenic activities. In this review article, the available literature on the safety issues surrounding high dose supplemental flavonoid consumption has been summarized.

  8. Advance on the Flavonoid C-glycosides and Health Benefits.

    Science.gov (United States)

    Xiao, Jianbo; Capanoglu, Esra; Jassbi, Amir Reza; Miron, Anca

    2016-07-29

    The dietary flavonoids, especially their glycosides, are the most vital phytochemicals in diets and are of great general interest due to their diverse bioactivity. Almost all natural flavonoids exist as their O-glycoside or C-glycoside forms in plants. The dietary flavonoid C-glycosides have received less attention than their corresponding O-glycosides. This review summarizes current knowledge regarding flavonoid C-glycosides and their influence on human health. Among the flavonoid C-glycosides, flavone C-glycosides, especially vitexin, isoorientin, orientin, isovitexin and their multiglycosides are more frequently mentioned than others. Flavonoid C-monoglycosides are poorly absorbed in human beings with very few metabolites in urine and blood and are deglycosylated and degraded by human intestinal bacteria in colon. However, flavonoid C-multiglycosides are absorbed unchanged in the intestine and distributed to other tissues. Flavonoid C-glycosides showed significant antioxidant activity, anticancer and antitumor activity, hepatoprotective activity, anti-inflammatory activity, anti-diabetes activity, antiviral activity, antibacterial and antifungal activity, and other biological effects. It looks like that the C-glycosylflavonoids in most cases showed higher antioxidant and anti-diabetes potential than their corresponding O-glycosylflavonoids and aglycones. However, there is a lack of in vivo data on the biological benefits of flavonoid C-glycosides. It is necessary to investigate more on how flavonoid C-glycosides prevent and handle the diseases.

  9. Chemistry and biological activities of flavonoids: an overview.

    Science.gov (United States)

    Kumar, Shashank; Pandey, Abhay K

    2013-01-01

    There has been increasing interest in the research on flavonoids from plant sources because of their versatile health benefits reported in various epidemiological studies. Since flavonoids are directly associated with human dietary ingredients and health, there is need to evaluate structure and function relationship. The bioavailability, metabolism, and biological activity of flavonoids depend upon the configuration, total number of hydroxyl groups, and substitution of functional groups about their nuclear structure. Fruits and vegetables are the main dietary sources of flavonoids for humans, along with tea and wine. Most recent researches have focused on the health aspects of flavonoids for humans. Many flavonoids are shown to have antioxidative activity, free radical scavenging capacity, coronary heart disease prevention, hepatoprotective, anti-inflammatory, and anticancer activities, while some flavonoids exhibit potential antiviral activities. In plant systems, flavonoids help in combating oxidative stress and act as growth regulators. For pharmaceutical purposes cost-effective bulk production of different types of flavonoids has been made possible with the help of microbial biotechnology. This review highlights the structural features of flavonoids, their beneficial roles in human health, and significance in plants as well as their microbial production.

  10. A new flavonoid glucoside from Cassia angustifolia

    Institute of Scientific and Technical Information of China (English)

    Qiu Ping Wu; Zhu Ju Wang; Li Ying Tang; Mei Hong Fu; Yan He

    2009-01-01

    A new flavonoid glucoside with a known one was isolated from the leaves of Cassia angustifolia. Based on the spectral analysis,including MS, 1H NMR, 13C NMR, DEPT, 1H-1HCOSY, HMQC, HMBC and NOSEY, their chemical structures were determined as kaempferol-3-O-[(6"-O-trans-sinnapoyl)-B-D-glucopyranosyl (1 -6)]-B-D-glucopyranoside 1 and apigenin-6,8-di-C-glycoside 2.

  11. Litchi Flavonoids: Isolation, Identification and Biological Activity

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Yueming Jiang

    2007-04-01

    Full Text Available The current status of the isolation, identification, biological activity, utilization and development prospects of flavonoids found in litchi fruit pericarp (LFP tissues is reviewed. LFP tissues account for approximately 15% by weight of the whole fresh fruit and are comprised of significant amount of flavonoids. The major flavonoids in ripe LFP include flavonols and anthocyanins. The major flavanols in the LFP are reported to be procyanidin B4, procyanidin B2 and epicatechin, while cyanindin-3-rutinside, cyanidin-3-glucoside, quercetin-3-rutinosde and quercetin-3-glucoside are identified as the important anthocyanins. Litchi flavanols and anthocyanins exhibit good potential antioxidant activity. The hydroxyl radical and superoxide anion scavenging activities of procyanidin B2 are greater than those of procyanidin B4 and epicatechin, while epicatechin has the highest α,α-diphenyl-β-picrylhydrazyl radical (DPPH· scavenging activity. In addition to the antioxidant activity, LFP extract displays a dose- and time-dependent inhibitory effect on human breast cancer, which could be attributed, in part, to its inhibition of proliferation and induction of apoptosis in cancer cells through upregulation and down-regulation of multiple genes. Furthermore, various anticancer activities are observed for epicatechin, procyanidin B2, procyanidin B4 and the ethyl acetate fraction of LFP tissue extracts. Procyanidin B4 and the ethyl acetate fraction show a stronger inhibitory effect on HELF than MCF-7 proliferation, while epicatechin and procyanidin B2 have lower cytotoxicities towards MCF-7 and HELF than paclitaxel. It is therefore suggested that flavonoids from LFP might be potentially useful components for functional foods and/or anti-breast cancer drugs.

  12. Flavonoids from the Red Alga Acanthophora spicifera

    Institute of Scientific and Technical Information of China (English)

    ZENG Long-Mei(曾陇梅); 曾陇梅; WANG Chao-Jie(王超杰); 王超杰; SU Jing-Yu(苏镜娱); 苏镜娱; LI Du(李笃); 李笃; OWEN Noel L.; OWEN Noel L; LU Yang(吕扬); 吕扬; LU Nan(鲁南); 鲁南; ZHENG Qi-Tai(郑启泰); 郑启泰

    2001-01-01

    Two new flavonoids, acanthophorin A (1) and acanthophorin B (2), along with three known compounds tiliroside (3),( - )-catechin (4) and quercetin (5) were isolated from the red alga Acanthophora spicifera. The structures of 1 and 2were determined to be kaempferol 3-O-α-L-fucopyranoside (1) and quercetin 3-O-α-L-fucopyranoside (2) by spectroscopic methods. Both 1 and 2 showed significant anfioxidant activity.

  13. Flavonoids from Lactuca quercina and L. tatarica

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Wanda Kisiel

    2014-01-01

    Full Text Available From aerial parts of Lactuca quercina L. and Lactuca tatarica C. A. Meyer six flavonoids were isolated using different chromatographic techniques. Of these, three compounds, apigenin, luteolin and quercetin-3-O-β-glucopyranoside, were found in both species, two compounds, apigenin-7-O-β-glucopyranoside and kaempferol-3-O-β-glucopyranoside, originated from the latter, and one compound, luteolin-7-O-β-glucopyranoside, from the former.

  14. A New Flavonoid Glycoside from Lysionotus pauciflorus.

    Science.gov (United States)

    Luo, Wei; Wen, Yaya; Tu, Yanbei; Du, Hongjian; Li, Qin; Zhu, Chao; Li, Yanfang

    2016-05-01

    Ten flavonoids (1-10), including a new glycoside (nevadensin-7-sambubioside, 7), together with a phenylpropanoid glycoside (11) were isolated from Lysionotus pauciflorus. Their structures were elucidated by a combination of spectroscopic methods and comparing with literature data. Five compounds (1, 3, 4, 8, and 9) were obtained from the family Gesneriaceae for the first time. The new compound was evaluated in vitro for anticholinesterase activities against acetylcholinesterase (AChE) and butyrylcholinesterase (BChE), but was found to be inactive.

  15. Tocopherols and flavonoids of SOS-7 halophyte

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    El-Shami, S. M.

    1993-10-01

    Full Text Available Halophyte is an oil seed coded as SOS-7 (Salicomia Oil Seed, 7th year of selection. Tocopherol constituents of SOS-7 halophyte oil were determined directly in the oil by using high pressure liquid chromatography coupled to fluorescence detector. It was found that the oil contains 710 ppm total tocopherols. The tocopherol constituents, alpha, beta, gamma and delta, were found at the level of 38.2,1.0, 58.7 and 2.1% respectively. Nine flavonoid glycosides were isolated and identified from the seeds and it was found that they belong to the flavonol class of flavonoids. These flavonol compounds were identified as: quercetin-3, 7-diglucoside, quercetin-3-glucoside-7-galactoside, quercetin-3-sophoroside, quercetin-3-glucoside, quercetin-3-galactoside, isorhamnetin-3, 7-di-glucoside, isorhamnetin-3-glucoside, kaempferol-3, 7-diglucoside and kaempferol-3-glucoside.

    Halofito es una semilla oleaginosa codificada como SOS-7 (semilla oleaginosa Salicomia, séptimo año de selección. Los tocoferoles del aceite de halofito SOS-7 fueron determinados directamente en el aceite usando cromatografía líquida de alta presión acoplada a detector fluorescente. Se encontró que el aceite contenía 710 ppm de tocoferoles totales. Los tocoferoles alfa, beta, gamma y delta, se encontraron a niveles de 38.2,1.0, 58.7 y 2.1%, respectivamente. Nueve glicósidos flavonoides fueron aislados e identificados de las semillas y se encontró que pertenecen a la clase flavonol dentro de los flavonoides. Estos flavonoles fueron identificados como: quercetina-3,7-diglucosido, quercetina-3-glucosido-7-galactosido, quercetina-3-soforosido, quercetina- 3-glucosido, quercetina-3-galactosido, isorannetina-3, 7-di-glucosido, isorannetina-3-glucosido, kampferol-3, 7-diglucosido y kampferol-3-glucosido.

  16. Flavonoid profile of green asparagus genotypes.

    Science.gov (United States)

    Fuentes-Alventosa, J M; Jaramillo, S; Rodríguez-Gutiérrez, G; Cermeño, P; Espejo, J A; Jiménez-Araujo, A; Guillén-Bejarano, R; Fernández-Bolaños, J; Rodríguez-Arcos, R

    2008-08-27

    The determination of flavonoid profiles from different genotypes of triguero asparagus and their comparison to those from green asparagus commercial hybrids was the main goal of this study. The samples consisted of 32 commercial hybrids and 65 genotypes from the Huetor-Tajar population variety (triguero). The analysis of individual flavonoids by HPLC-DAD-MS has allowed the determination of eight naturally occurring flavonol derivatives in several genotypes of triguero asparagus. Those compounds included mono-, di-, and triglycosides of three flavonols, that is, quercetin, isorhamnetin, and kaempferol. The detailed analysis of the flavonoid profiles revealed significant differences among the distinct genotypes. These have been classified in three distinct groups as the result of a k-means clustering analysis, two of them containing both commercial hybrids and triguero asparagus and another cluster constituted by 21 genotypes of triguero asparagus, which contain several key flavonol derivatives able to differentiate them. Hence, the triglycosides tentatively identified as quercetin-3-rhamnosyl-rutinoside, isorhamnetin-3-rhamnosyl-rutinoside, and isorhamnetin-3-O-glucoside have been detected only in the genotypes grouped in the above-mentioned cluster. On the other hand, the compound tentatively identified as isorhamnetin-3-glucosyl-rutinoside was present in most genotypes of triguero asparagus, whereas it has not been detected in any of the commercial hybrids.

  17. Potencial alelopático de duas neolignanas isoladas de folhas de Virola surinamensis (Myristicaceae Allelopathy potential of two neolignans isolated from Virola surinamensis (Myristicaceae leaves

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    F.C. Borges

    2007-03-01

    Full Text Available Este trabalho teve por objetivos isolar, identificar e caracterizar a atividade alelopática de substâncias químicas presentes nas folhas de Virola surinamensis. O processo de isolamento e identificação das substâncias químicas envolveu o uso de solventes orgânicos e de Ressonância Magnética Nuclear (RMN ¹H, RMN 13C e RMN 13C-DEPT, espectro de COSY e de HETCOR. A avaliação da atividade alelopática foi realizada em bioensaios de germinação de sementes, em condições de 25 ºC de temperatura constante e fotoperíodo de 12 horas, e de desenvolvimento da radícula e do hipocótilo, com 25 ºC de temperatura constante e fotoperíodo de 24 horas, empregando-se concentrações variando de 1,0 a 8,0 mg L-1. Como plantas receptoras, foram utilizadas as espécies daninhas Mimosa pudica, Senna obtusifolia e Senna occidentalis. Foram isoladas e identificadas duas neolignanas: a surinamensina e a virolina. A tendência geral observada nos resultados foi de aumento da intensidade dos efeitos alelopáticos inibitórios em função do aumento da concentração, com inibições máximas obtidas, sempre, na concentração de 8,0 mg L-1. A surinamensina apresentou maior potencial para inibir a germinação e o desenvolvimento da radícula e do hipocótilo do que a virolina, independentemente da espécie receptora e do fator da planta analisado. Considerando-se as intensidades dos efeitos promovidos sobre os três fatores das plantas, o desenvolvimento da radícula e o do hipocótilo foram mais intensamente inibidos pelas duas substâncias do que a germinação das sementes. À exceção dos efeitos verificados sobre o desenvolvimento do hipocótilo, malícia foi a espécie de maior sensibilidade aos efeitos alelopáticos das duas neolignanas, enquanto mata-pasto foi aquela que evidenciou inibições de menor magnitude.The objective of this research was to isolate, identify and characterize the allelopathic activity of chemical compounds in Virola

  18. Different Flavonoids Can Shape Unique Gut Microbiota Profile In Vitro.

    Science.gov (United States)

    Huang, Jiacheng; Chen, Long; Xue, Bin; Liu, Qianyue; Ou, Shiyi; Wang, Yong; Peng, Xichun

    2016-09-01

    The impact of flavonoids has been discussed on the relative viability of bacterial groups in human microbiota. This study was aimed to compare the modulation of various flavonoids, including quercetin, catechin and puerarin, on gut microbiota culture in vitro, and analyze the interactions between bacterial species using fructo-oligosaccharide (FOS) as carbon source under the stress of flavonoids. Three plant flavonoids, quercetin, catechin, and puerarin, were added into multispecies culture to ferment for 24 h, respectively. The bacterial 16S rDNA amplicons were sequenced, and the composition of microbiota community was analyzed. The results revealed that the tested flavonoids, quercetin, catechin, and puerarin, presented different activities of regulating gut microbiota; flavonoid aglycones, but not glycosides, may inhibit growth of certain species. Quercetin and catechin shaped unique biological webs. Bifidobacterium spp. was the center of the biological web constructed in this study.

  19. Bioavailability, metabolism and potential health protective effects of dietary flavonoids

    DEFF Research Database (Denmark)

    Bredsdorff, Lea

    the association between exposure to dietary flavonoids and the risk of acute coronary syndrome (ACS) in a nested case-control study. The bioavailability and metabolism of hesperetin and naringenin was investigated by analysing urine and plasma from 16 subjects after consumption of three treatments of orange juice...... epidemiological studies but the evidence is inconclusive. One major obstacle for epidemiological studies investigating associations between flavonoid intake and risk of CHD is the estimation of flavonoid intake. There is a vast variety of flavonoids in commonly eaten food products but only limited knowledge...... of their content. In addition, variation in individual metabolic genotype and microflora may greatly affect the actual flavonoid exposure. The preventive effects of flavonoids on CHD are mainly ascribed to their anti-inflammatory and antioxidant activities. Several mechanisms of anti-inflammatory and antioxidant...

  20. Chemical constituents of the leaves from Rollinia leptopetala R. E. Fries; Constituintes quimicos das folhas de Rollinia leptopetala R. E. Fries

    Energy Technology Data Exchange (ETDEWEB)

    Costa, Vicente Carlos de O.; Tavares, Josean F.; Queiroga, Cinthia S.; Castello-Branco, Marianna V.S.; Diniz, Margareth F.F. Melo; Lima, Carolina Uchoa G.B. de; Santos, Barbara Viviana de O.; Pita, Joao Carlos L.R.; Silva, Marcelo Sobral da, E-mail: josean@ltf.ufpb.br [Departamento de Ciencias Farmaceuticas, Centro de Ciencias da Saude, Universidade Federal da Paraiba (UFPB), Joao Pessoa, PB (Brazil); Sette, Ivana Maria Fechine [Departamento de Farmacia, Centro de Ciencias Biologicas e da Saude, Universidade Estadual da Paraiba, Campina Grande, PB (Brazil)

    2012-07-01

    The phyto chemical investigation of Rollinia leptopetala led to the isolation of a new compound named a-terpinyl caffeate, and five known compounds, being three sesquiterpenes, spathulenol, {beta}-caryophyllene and 4{beta},10a-aromadendrane-diol, and two alkaloids, (-)-3-hydroxynornuciferine and (+)-norisocorydine. These alkaloids are being described for the first time in this genus. The structures of the compounds were determined by analysis of IR, MS and NMR data, as well as by comparison with literature data. The crude extract of R. leptopetala leaves demonstrated a weak cytotoxicity on sarcoma 180 cells with an IC{sub 50} of 512.3 {mu}g/mL. However, the in vivo results showed that the extract exhibited a significant dose-dependent tumor growth reduction. (author)

  1. Sesquiterpenes and other constituents from leaves of Pterodon pubescens Benth (Leguminosae); Sesquiterpenos e outros constituintes das folhas de Pterodon pubescens Benth (Leguminosae)

    Energy Technology Data Exchange (ETDEWEB)

    Miranda, Mayker Lazaro Dantas; Garcez, Fernanda Rodrigues; Garcez, Walmir Silva, E-mail: walmir.garcez@ufms.br [Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (UFMS), Campo Grande, MS (Brazil). Instituto de Quimica; Abot, Alfredo Raul [Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul (UEMS), Aquidauana, MS (Brazil)

    2014-05-15

    In addition to β-sitosterol, stigmasterol, phaeophitin A, luteolin, kaempferol, quercetin, (+)-catechin, quercetin-3-O-α-L-rhamnopyranoside, rutin, and p-hydroxy-benzoic acid, six known sesquiterpenes, namely (rel)-2β,6β-epoxy-5β-hydroxy-isodaucane, oplopanone, 1β,6α-dihydroxy-4(15)-eudesmene, caryophyllene oxide, α-cadinol, and spathulenol, were isolated from the leaves of Pterodon pubescens (Leguminosae) growing in the Cerrado of Mato Grosso do Sul, Brazil. The (rel)-2β,6β-epoxy-5β-hydroxy-isodaucane corresponds to the correct structure of homalomenol D. The sesquiterpene oplopanone, which bears a modified cadinane skeleton, is being reported for the first time in this genus. The structures of the compounds were determined on the basis of spectral data (MS, IR, and NMR-1D and 2D) and subsequent comparison with data reported in the literature. (author)

  2. Desempenho de clones de copa de seringueira resistentes ao mal-das-folhas Performance of rubber tree crown clones resistant to South American leaf blight

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Vicente Haroldo de Figueiredo Moraes

    2008-11-01

    Full Text Available O objetivo deste trabalho foi avaliar o desempenho de 18 clones de seringueira resistentes ao Microcyclus ulei, usados como copas enxertadas. Foram utilizados oito clones híbridos de Hevea pauciflora x Hevea guianensis var. marginata, oito de H. pauciflora x H. rigidifolia e dois clones de H. pauciflora, enxertados sobre o painel de CNS AM 7905 - seleção primária de H. brasiliensis - e cultivados em Latossolo Amarelo distrófico, em Manaus, AM. Foram avaliados: perímetro do tronco, estado nutricional e produtividade de borracha seca. Copas enxertadas de híbridos H. pauciflora x H. guianensis var. marginata causam crescimento mais rápido do tronco, com redução do período de imaturidade da seringueira. O alto nível de resistência dos híbridos de H. rigidifolia ao percevejo-de-renda (Leptopharsa heveae justifica a introdução de outros genótipos dessa espécie para novas hibridações. Os clones CPAA C 01, 06, 13, 15, 16 e 45 apresentam excelente potencial de produção de borracha seca, nas condições climáticas e de solos de terra firme da Amazônia Tropical Úmida.The objective of this study was to evaluate the performance of 18 rubber tree clones, resistant to Microcyclus ulei and used as budded crowns. Eight hybrid clones of Hevea pauciflora x Hevea guianensis var. marginata, eight of H. pauciflora x H. rigidifolia, and two clones of H. pauciflora were used as budded crowns onto CNS AM 7905 - a primary selection of H. brasiliensis - and cultivated in a Xanthic Ferralsol, in Manaus, Amazônia, Brazil. Trunk girth, nutritional status and rubber productivity were evaluated. The budded crowns of hybrids of H. pauciflora x H. guianensis var. marginata cause fastest trunk girth increment, with shortening of the imaturity period of rubber tree. The high resistance level of H. rigidifolia hybrids to Leptopharsa heveae justifies the introduction of other genotypes of this species, for new hybridizations. The clones CPAA C 01, 06, 13, 15, 16 and 45 present excellent potential for dry rubber production, in the climatic and upland soil conditions of Tropical Amazônia.

  3. Antioxidant activity of extracts and condensed tannins from Maytenus ilicifolia Mart. ex Reiss; Atividade antioxidante de extratos e taninos condensados das folhas de Maytenus ilicifolia Mart. ex Reiss

    Energy Technology Data Exchange (ETDEWEB)

    Pessuto, Monica Bordin; Costa, Isis Casemiro da; Souza, Angelita Boldieri de; Nicoli, Fernanda Michely; Mello, Joao Carlos Palazzo de [Universidade Estadual de Maringa (UEM), PR (Brazil). Dept. de Farmacia e Farmacologia]. E-mail: mello@uem.br; Petereit, Frank [Westfaelische Wilhelms-Universitaet, Muenster (Germany). Inst. for Pharmaceutical Biology and Phytochemistry; Luftmann, Heinrich [Westfaelische Wilhelms-Universitaet, Muenster (Germany). Inst. for Organic Chemistry

    2009-07-01

    Maytenus ilicifolia Mart. ex Reiss. Maytenus ilicifolia (Celastraceae) is a native plant of South America and popularly known as 'espinheira-santa'. The aim of this study was to evaluate the antioxidant capacity of extracts and isolated compounds from this plant. The antioxidant activity of the crude and semipurified extracts and isolated compounds was evaluated through DPPH-radical and phosphomolybdenum-complex assays. By both methods, the ethyl-acetate fraction demonstrated better antioxidant capacity compared with vitamin C and trolox. In the compounds, the higher the number of hydroxyls, the greater the antioxidant activity. In addition, stereochemistry influenced antioxidant activity, i.e., compounds with 2 R,3 R showed greater activity than those with 2 R,3 S. (author)

  4. Constituintes voláteis das folhas e dos galhos de Cinnamomum zeylanicum Blume (Lauraceae) Volatile constituents from leaves and branches of Cinnamomum zeylanicum Blume (Lauraceae)

    National Research Council Canada - National Science Library

    Maria da Paz Lima; Maria das Graças B. Zoghbi; Eloisa Helena A. Andrade; Tatiana Maria D. Silva; Carlos Sousa Fernandes

    2005-01-01

    ...%). Nos galhos foram identificados trinta e seis componentes, com predominância dos monoterpenos alfa- e beta-pineno (9,9%; 3,5%), alfa-felandreno (9,2%), p-cimeno (6,2%), limoneno (7,9%), linalol (10,6...

  5. Cytotoxic derivatives of withanolides isolated from the leaves of Acnistus arborescens; Derivados citotoxicos de vitanolidos isolados das folhas de Acnistus arborescens

    Energy Technology Data Exchange (ETDEWEB)

    Minguzzi, Sandro, E-mail: sming@uems.b [Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul, Navirai, MS (Brazil). Curso de Quimica; Barata, Lauro E.S. [Universidade Estadual de Campinas (IQ/UNICAMP), SP (Brazil). Inst. de Quimica; Cordell, Geoffrey A. [Natural Products Inc., Evanston, IL (United States)

    2011-07-01

    In view of anticancer activity of 7 beta-acetoxywithanolide D (2) and 7beta-16beta-diacetoxywithonide D (3), isolated from the leaves of Acnistus arborescens (Solanaceae), five withanolide derivatives were obtained and their structures were determined by NMR, MS and IV data analysis. The in vitro anticancer activity of these derivatives was evaluated in a panel of cancer cell lines: human breast (BC-1), human lung (Lu1), human colon (Col2) and human oral epidermoid carcinoma (KB). Compounds 2a (acetylation of 2), 3b (oxidation of 3) and 2c (hydrogenation of 2) exhibited the highest anticancer activity against human lung cancer cells, with ED{sub 50} values of 0.19, 0.25 and 0.63 mug/mL, respectively. (author)

  6. Avaliação citotóxica do óleo volátil extraído das folhas do Zanthoxylum rhoifolium Lam.

    OpenAIRE

    Saulo Luis da Silva; Patrícia Maria Figueiredo; Tomomasa Yano

    2007-01-01

    Zanthoxylum rhoifolium Lam is a plant popularly used as antimicrobial, for malaria and inflammatory treatment. The essential oil of Z. rhoifolium was extracted and its cytotoxic effects against HeLa (human cervical carcinoma), A-549 (human lung carcinoma), HT-29 (human colon adenocarcinoma), Vero (monkey kidney) cell lines and mice macrophages were evaluated. Some of the terpenes of its essential oil (ß-caryophyllene, alpha-humulene, alpha -pinene, myrcene and linalool) were also tested to ve...

  7. Morfologia e densidade básica das folhas de tucum (Bactris inundata Martius como fonte de fibras celuló sicas para papel

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Sanatiel de Jesus Pereira

    2002-01-01

    Full Text Available This work aims at making an evaluation of the morphological characteristics and density of fibers obtained from straws of Bactris inundata palms leaves. A value of 0,342 g/cm³ was found for the basic density. Bactris inundata presented two different fibers due to their morphological characteristics: Fiber A, with average fiber length of 0,69 mm, width of 10,56 μm, lumen width of 2,63 μm and cell-wall thickness of 3,97 μm, classified as short; Fiber B, with length of 2,33 mm, width of 7,66 μm, lumen width of 1,85 μm and cell-wall thickness of 2,91 μm, classified as long. The fiber “A” of Bactris inundata presented a low coefficient of flexibility of 25,12%, and a rather high felting index of 66,85. The fiber “B” of Bactris inundata presented a low coefficient of flexibility (24,09%, and a high felting index (313,59. The relationship between fibers dimensions indicated that they could be used in kraft production with good indexes of physical-mechanical resistance in some properties.

  8. Chemistry and Biological Activities of Flavonoids: An Overview

    OpenAIRE

    Shashank Kumar; Pandey, Abhay K

    2013-01-01

    There has been increasing interest in the research on flavonoids from plant sources because of their versatile health benefits reported in various epidemiological studies. Since flavonoids are directly associated with human dietary ingredients and health, there is need to evaluate structure and function relationship. The bioavailability, metabolism, and biological activity of flavonoids depend upon the configuration, total number of hydroxyl groups, and substitution of functional groups about...

  9. Total Phenolics and Total Flavonoids in Selected Indian Medicinal Plants

    OpenAIRE

    C T Sulaiman; Indira Balachandran

    2012-01-01

    Plant phenolics and flavonoids have a powerful biological activity, which outlines the necessity of their determination. The phenolics and flavonoids content of 20 medicinal plants were determined in the present investigation. The phenolic content was determined by using Folin-Ciocalteu assay. The total flavonoids were measured spectrophotometrically by using the aluminium chloride colorimetric assay. The results showed that the family Mimosaceae is the richest source of phenolics, (Acacia ni...

  10. Assessment of Flavonoid Release with Different Permeation Enhancers

    OpenAIRE

    Vaisakh M N; Pandey A

    2012-01-01

    The aim of the study was to evaluate the effect of different permeation enhancers in the transdermal permeation of flavonoids. A weed plant named Chromolaena odorata have been employed as the flavonoid source. Six different cream formulations have been prepared with the Chromolaena extract using different permeation enhancers such as ethanol, dimethyl sulphoxide, surfactants and occlusive agents. The amount of flavonoids penetrated during a time period of four hours was noted. The highest amo...

  11. Atividade alelopática de folhas e pseudofrutos de Hovenia dulcis Thunb. (Rhamnaceae sobre a germinação de Lactuca sativa L. (Asteraceae Allelopathic activity of Hovenia dulcis Thunb. (Rhamnaceae leaves and pseudofruits on the germination of Lactuca sativa L. (Asteraceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Alana Cristina Dorneles Wandscheer

    2011-03-01

    Full Text Available Neste trabalho, objetivou-se avaliar o efeito alelopático de folhas secas e pseudofrutos de Hovenia dulcis Thunb. sobre sementes de alface. Para isso, prepararam-se extratos aquosos de folhas e pseudofrutos nas concentrações 1, 2 e 4% (m/v. Realizou-se quatro repetições de 25 sementes de alface, distribuídas em placas de Petri forradas com papel Germitest e umedecidas com os extratos, mantidas em câmara de germinação à temperatura de 25°C, fotoperíodo constante e presença de luz por cinco dias, sendo o controle água destilada. Calculou-se a porcentagem, a velocidade, o índice de velocidade de germinação, o comprimento radicular e da parte aérea das plântulas, bem como o efeito das sementes na presença de diferentes soluções de pH. Observou-se que as plântulas foram significativamente afetadas na presença de extratos aquosos de folhas secas e pseudofrutos nas concentrações 2 e 4%. Os efeitos foram desvinculados do pH e potencial osmótico, indicando, portanto, interferência alelopática dos extratos obtidos de Hovenia dulcis.This paper aims to evaluate the allelopathic effect of dry leaves and pseudofruits of Hovenia dulcis Thunb. on lettuce seeds. Therefore, aqueous extracts of leaves and pseudofruits were prepared in 1%, 2% and 4% (m/v concentrations. Four replicates were done of 25 lettuce seeds distributed in Petri dishes lined with Germitest paper and humidified with the extracts, maintained in germination chamber at 25 °C, constant photoperiod and light presence for five days, the control being distilled water. The percentage, speed, germination rate index, root length and aerial-part length of the seedlings were calculated, as well as the seeds effect in the presence of different pH solutions. It was observed that the seedlings were significantly affected in the presence of aqueous extracts of dry leaves and pseudofruits at 2% and 4% concentrations. The effects were not linked to pH and osmotic potential

  12. Caracterização bioquímica e cinética de lipoxigenases de folhas de soja submetidas à remoção dos primórdios florais Biochemical and kinetic characterization of lipoxygenases from soybean leaves submitted to the removal of floral primordial

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cristiano César de Araújo Ferreira

    2004-04-01

    Full Text Available O uso da soja [Glycine max (L. Merrill] na alimentação humana tem encontrado dificuldades devido ao seu sabor característico (beany flavor, que é derivado da ação das lipoxigenases (EC 1.13.11.12. Ao contrário das lipoxigenases de sementes de soja, que têm sido extensivamente estudadas, a diversidade e características das lipoxigenases de folhas não estão totalmente elucidadas. Sabe-se que além de sua atividade catalítica, as lipoxigenases de folhas estão envolvidas no armazenamento temporário de nitrogênio e na resposta da planta ao estresse. Com o objetivo de investigar o efeito da remoção dos primórdios florais na atividade das lipoxigenases de folhas de soja, foram utilizados dois genótipos de soja: IAC-100, uma variedade com presença de lipoxigenases na semente e IAC-100 TN, uma linhagem com ausência completa de lipoxigenases na semente. Por meio de dados da cinética enzimática, foram constatados dois picos mais acentuados de atividade em pH 5,0 e 6,5, com temperatura ótima de 25ºC. Para ambos os genótipos, as atividades foram maiores nos tratamentos que nos respectivos controles. Os valores de KM app aos 16 dias, nas plantas-controle, foram semelhantes para os dois genótipos, sugerindo não haver influência da manipulação genética das lipoxigenases na semente em relação à expressão dos genes que codificam as lipoxigenases de folhas. No entanto, os valores de KM app foram diferentes entre a fase vegetativa e a reprodutiva, em ambos genótipos, indicando pools distintos de isoenzimas lipoxigenases entre as duas fases.The use of soybean [Glycine max (L. Merrill] as human food has been encountered difficulties due to beany flavor. The beany flavour is originated from lipoxygenases (EC 1.13.11.12. Soybean seed lipoxygenases have been extensively studied, however, the diversity and characteristics of lipoxygenases present in leaves are still being studied. Besides its catalytic activity, lipoxygenases from

  13. Dietary flavonoids and gastric cancer risk in a Korean population.

    Science.gov (United States)

    Woo, Hae Dong; Lee, Jeonghee; Choi, Il Ju; Kim, Chan Gyoo; Lee, Jong Yeul; Kwon, Oran; Kim, Jeongseon

    2014-11-10

    Gastric cancer is the most common cancer among men in Korea, and dietary factors are closely associated with gastric cancer risk. We performed a case-control study using 334 cases and 334 matched controls aged 35-75 years. Significant associations were observed in total dietary flavonoids and their subclasses, with the exception of anthocyanidins and isoflavones (OR (95% CI): 0.49 (0.31-0.76), p trend = 0.007 for total flavonoids). However, these associations were not significant after further adjustment for fruits and vegetable consumption (OR (95% CI): 0.62 (0.36-1.09), p trend = 0.458 for total flavonoids). Total flavonoids and their subclasses, except for isoflavones, were significantly associated with a reduced risk gastric cancer in women (OR (95% CI): 0.33 (0.15-0.73), p trend = 0.001 for total flavonoids) but not in men (OR (95% CI): 0.70 (0.39-1.24), p trend = 0.393 for total flavonoids). A significant inverse association with gastric cancer risk was observed in flavones, even after additional adjustment for fruits and vegetable consumption in women. No significantly different effects of flavonoids were observed between H. pylori-positive and negative subjects. In conclusion, dietary flavonoids were inversely associated with gastric cancer risk, and these protective effects of dietary flavonoids were prominent in women. No clear differences were observed in the subgroup analysis of H. pylori and smoking status.

  14. easyDAS: Automatic creation of DAS servers

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Jimenez Rafael C

    2011-01-01

    Full Text Available Abstract Background The Distributed Annotation System (DAS has proven to be a successful way to publish and share biological data. Although there are more than 750 active registered servers from around 50 organizations, setting up a DAS server comprises a fair amount of work, making it difficult for many research groups to share their biological annotations. Given the clear advantage that the generalized sharing of relevant biological data is for the research community it would be desirable to facilitate the sharing process. Results Here we present easyDAS, a web-based system enabling anyone to publish biological annotations with just some clicks. The system, available at http://www.ebi.ac.uk/panda-srv/easydas is capable of reading different standard data file formats, process the data and create a new publicly available DAS source in a completely automated way. The created sources are hosted on the EBI systems and can take advantage of its high storage capacity and network connection, freeing the data provider from any network management work. easyDAS is an open source project under the GNU LGPL license. Conclusions easyDAS is an automated DAS source creation system which can help many researchers in sharing their biological data, potentially increasing the amount of relevant biological data available to the scientific community.

  15. Origens das formas budistas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fernando Carlos Chamas

    Full Text Available RESUMO As características de uma imagem de Buda são o resultado do processo milenar que uniu três fatores: as mitologias orientais mais antigas que o budismo, sua capacidade de se adequar às crenças locais e as suas próprias reinterpretações. Após o surgimento das primeiras estátuas que representavam o Buda histórico, o ideal de beleza para um ser que alcançou a Iluminação baseou-se nas antigas "ciências" orientais, predominantemente mentais e de energias sutis. Enquanto a estética ocidental discutia as idealizações da arte com racionalidade, ignorando um oriente "pagão e supersticioso", as imagens budistas personificavam estados mentais que o ocidente só cogitaria na sua modernidade. A arte budista transmite o legado ancestral e imutável de chaves místicas da consciência e do equilíbrio..

  16. Das Mechanostat-Modell

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Kerschan-Schindl K

    2012-01-01

    Full Text Available Der Knochen ist ständig wechselnden Belastungen ausgesetzt und adaptiert seine Festigkeit entsprechend. Mangelnde körperliche Aktivität bedeutet eine zu geringe Verformung des Knochens und in der Folge einen Knochenabbau. Zyklische Belastungen des Knochens jenseits der Modelling-Schwelle, welche ausreichend starke Verformungen des Knochens und Verschiebungen der intrakanalikulären Flüssigkeit mit sich bringen, resultieren in einer Erhöhung der Knochenfestigkeit. Diese Verformungen werden durch Osteozyten wahrgenommen. Die mechanischen Kräfte werden in biochemische Signale umgewandelt (Mechanotransduktion und schließlich die Effektorzellen aktiviert (Transmission. Die Förderung der Osteoblasten bei Hemmung der Osteoklastenaktivität führt letztlich zu einer positiven Knochenbilanz. Die Reaktionen des Knochens sind aber nicht nur von Intensität und Frequenz der Belastung, sondern auch von der Beschleunigung der Bewegung abhängig. Nicht-mechanische Faktoren wie Sexualhormone modulieren das Ausmaß der Adaptation des Skeletts auf mechanische Reize.

  17. In vitro bioavailability and cellular bioactivity studies of flavonoids and flavonoid-rich plant extracts: questions, considerations and future perspectives.

    Science.gov (United States)

    Gonzales, Gerard Bryan

    2017-08-01

    In vitro techniques are essential in elucidating biochemical mechanisms and for screening a wide range of possible bioactive candidates. The number of papers published reporting in vitro bioavailability and bioactivity of flavonoids and flavonoid-rich plant extracts is numerous and still increasing. However, even with the present knowledge on the bioavailability and metabolism of flavonoids after oral ingestion, certain inaccuracies still persist in the literature, such as the use of plant extracts to study bioactivity towards vascular cells. There is therefore a need to revisit, even question, these approaches in terms of their biological relevance. In this review, the bioavailability of flavonoid glycosides, the use of cell models for intestinal absorption and the use of flavonoid aglycones and flavonoid-rich plant extracts in in vitro bioactivity studies will be discussed. Here, we focus on the limitations of current in vitro systems and revisit the validity of some in vitro approaches, and not on the detailed mechanism of flavonoid absorption and bioactivity. Based on the results in the review, there is an apparent need for stricter guidelines on publishing data on in vitro data relating to the bioavailability and bioactivity of flavonoids and flavonoid-rich plant extracts.

  18. Inverse association of tea and flavonoid intakes with incident myocardial infarction: the Rotterdam Study

    NARCIS (Netherlands)

    J.M. Geleijnse (Marianne); L.J. Launer (Lenore); D.A. van der Kuip (Deirdre); J.C.M. Witteman (Jacqueline); A. Hofman (Albert)

    2002-01-01

    textabstractBACKGROUND: Dietary flavonoids may protect against cardiovascular disease, but evidence is still conflicting. Tea is the major source of flavonoids in Western populations. OBJECTIVE: The association of tea and flavonoid intake with incident myocardial infarction was

  19. Inverse association of tea and flavonoid intakes with incident myocardial infarction: the Rotterdam Study

    NARCIS (Netherlands)

    J.M. Geleijnse (Marianne); L.J. Launer (Lenore); D.A. van der Kuip (Deirdre); J.C.M. Witteman (Jacqueline); A. Hofman (Albert)

    2002-01-01

    textabstractBACKGROUND: Dietary flavonoids may protect against cardiovascular disease, but evidence is still conflicting. Tea is the major source of flavonoids in Western populations. OBJECTIVE: The association of tea and flavonoid intake with incident myocardial infarction was exa

  20. Ocorrência de Ovulariopsis papayae Bijl em folhas de mamoeiro Occurrence of Ovulariopsis papayae Bijl in papaya leaves

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ivan José Antunes Ribeiro

    1988-01-01

    Full Text Available É citada pela primeira vez, em nossas condições, a ocorrência de oídio causado por Ovulariopsis papayae Bijl em folhas de mamoeiro (Cacica papaya L.. São descritas a sintomatologia, as características morfológicas do patógeno e o teste de patogenicidade.The occurrence causing powdery mildew in papaya leaves was observed for the first time in the State of São Paulo, Brazil. The symptomatology and the morphological characteristics of the pathogen were described and the pathogenicity was comproved.

  1. Quercetin: a flavonoid with the potential to treat asthma

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Laila Rigolin Fortunato

    2012-12-01

    Full Text Available Allergic asthma is a complex inflammatory disorder characterized by airway hyperresponsiveness, eosinophilic inflammation and hypersecretion of mucus. Current therapies include β2-agonists, cysteinyl leukotriene receptor 1 antagonists and corticosteroids. Although these drugs demonstrate beneficial effects, their adverse side effects limit their long-term use. Thus, the development of new compounds with similar therapeutic activities and reduced side effects is both desirable and necessary. Natural compounds are used in some current therapies, as plant-derived metabolites can relieve disease symptoms in the same manner as allopathic medicines. Quercetin is a flavonoid that is naturally found in many fruits and vegetables and has been shown to exert multiple biological effects in experimental models, including the reduction of major symptoms of asthma: bronchial hyperactivity, mucus production and airway inflammation. In this review, we discuss results from the literature that illustrate the potential of quercetin to treat asthma and its exacerbations.A asma alérgica é uma doença inflamatória complexa caracterizada por hiperresponsividade das vias aéreas, inflamação eosinofílica e hipersecreção de muco. As terapias atuais incluem β2-agonistas, antagonistas do receptor 1 de cisteinil leucotrienos e corticosteróides. Embora estes fármacos demonstrem efeitos benéficos, seus efeitos adversos limitam seus usos a longo prazo. Assim, o desenvolvimento de novos compostos com atividades terapêuticas similares e reduzido efeitos adversos é tanto desejável quanto necessário. Compostos naturais podem ser utilizados nas terapias atuais, uma vez que metabólitos derivados de plantas são capazes de aliviar os sintomas de forma comparável aos medicamentos alopáticos. A quercetina é um flavonóide que ocorre naturalmente em muitas frutas e vegetais e tem mostrado vários efeitos biológicos, principalmente em modelos experimentais

  2. Field persistence of Bacillus thuringiensis on maize leaves (Zea mays L. Persistência de Bacillus thuringiensis em folhas de milho em condições de campo (Zea mays L.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marinéia de Lara Haddad

    2005-12-01

    de parcelas subdivididas no tempo, composto por plantas de milho às quais foram aplicadas três concentrações (meia dose e dose normal e dobro da dose recomendada de uma formulação comercial de Dipel. Em cada parcela foram escolhidas ao acaso 3 folhas na parte superior de 3 plantas. Nestas, foram feitas amostragens entre 3 e 72 horas após a aplicação dos tratamentos, para contar o número de esporos viáveis, utilizando-se dois discos com 1 cm de diâmetro. A persistência em campo foi medida com um modelo exponencial, linearizado por transformação logarítmica do número de esporos viáveis no tempo. Utilizando o método linear logarítmico dos intervalos de confiança, não foi verificada diferença significativa (P=0.05 nas meias-vidas em 18,2 horas para meia dose, 16,5 horas para dose normal e 13,6 horas para o dobro da dose. Considerando uma taxa fictícia de consumo de um inseto de, calculou-se as doses eficazes em cada concentração. Constatou-se que 77%, 78% e 80,5% das doses efetivas (esporos viáveis permaneceram na superfície das folhas um dia após o tratamento, respectivamente.

  3. Mechanisms of carcinogenesis prevention by flavonoids

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    G. A. Belitsky

    2014-01-01

    Full Text Available The mechanisms of anticancerogenic effects of flavanoids and isocyanates from the plants widely consumed in the midland belt of Russia were reviewed. Data of studies both in vitro and in vivo were analyzed. Special attention was paid to inhibition of targets responsible for carcinogen metabolic activation, carcinogenesis promotion and tumor progression as well as neoangiogenesis. Besides that the antioxidant properties of flavonoids and their effects on cell cycle regulation, apoptosis initiation and cell mobility were considered.

  4. Two new flavonoid diglycosides from Cephalotaxus sinensis

    Institute of Scientific and Technical Information of China (English)

    2007-01-01

    Two new acetylated flavonoid diglycosides, scutellarein-5-O-[α-L-rhamnopyranosyl-(1 → 4)-β-D-6-O-acetylglucopyranoside](1), apigenin-5-O-[α-L-rhamnopyranosyl-(1→ 2)-β-D-3,6-di-O-acetylglucopyranoside] (2), were isolated from the leaves of Cephalotaxus sinensis. Their structures were determined by chemical and spectroscopic methods including HR-FAB-MS,1H-1H COSY, HSQC and HMBC experiments.(C) 2007 Yu Hong Yu. Published by Elsevier B.V. on behalf of Chinese Chemical Society. All rights reserved.

  5. Chromone and Flavonoid Alkaloids: Occurrence and Bioactivity

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Robin J. Marles

    2011-12-01

    Full Text Available The chromone and flavonoid alkaloids represent an unusual group of structurally diverse secondary metabolites, derived from the convergence of multiple biosynthetic pathways that are widely distributed through the plant and animal kingdoms. Many of them have been discovered through bioassay-guided chemical investigations of traditional medicines, suggesting potential therapeutic significance. Their unique structures and varied pharmacological activities may provide important new leads for the discovery of drugs with novel mechanisms of action. Potential therapeutic indications are as diverse as cancer and viral infections, inflammation and immunomodulation, neurological and psychiatric conditions, and diabetes.

  6. Flavonoides e sesquiterpenos de Croton pedicellatus Kunth

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Elton Luz Lopes

    2012-01-01

    Full Text Available The chemical investigation of the ethanolic extract from leaves of Croton pedicellatus yielded the bis-nor-sesquiterpenes blumenol A and blumenol A glucoside, along with the flavonoids: tiliroside, 6"-O-p-coumaroyl-β-galactopyranosyl- kaempferol, 6"-O-p-coumaroyl-β-glucopyranosyl-3"-methoxy- kaempferol, kaempferol, 3-glucopyranosyl-quercetin and alpinumisoflavone, as well as 4-hydroxy-3,5-dimethoxybenzoic acid. The identification of all isolated compounds was performed by spectrometric methods, including HR-ESI-MS, 1D and 2D NMR experiments, and by comparison with previously-described physical and spectral data.

  7. Estrogenic flavonoids: structural requirements for biological activity.

    Science.gov (United States)

    Miksicek, R J

    1995-01-01

    A systematic survey of polycyclic phenols has been performed to identify members of this chemical group with estrogenic activity. Twelve compounds were found to be able to stimulate the transcriptional activity of the human estrogen receptor expressed in cultured cells by transient transfection. These natural estrogens belong to several distinct, but chemically related classes including chalcones, flavanones, flavones, flavonols, and isoflavones. Selected examples of estrogenic flavonoids were further analyzed to determine their biological potencies and their relative affinities for binding to the estrogen receptor. These data are interpreted with respect to the molecular structure of polycyclic phenols required for hormonal activity as nonsteroidal estrogens.

  8. Feeding non-preference of the corn leaf aphid Rhopalosiphum maidis (Fitch, 1856 (Hemiptera: Aphididae to corn plants (Zea mays L. treated with silicon Não-preferência do pulgão-da-folha Rhopalosiphum maidis (Fitch, 1856 (Hemiptera: Aphididae para plantas de milho (Zea mays L. tratadas com silício

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Jair Campos Moraes

    2005-08-01

    Full Text Available A tactic for control to corn leaf Rhopalosiphum maidis (Fitch, 1856 would be the use of resistant materials, but, for not being a key pest of the crop, there are not yet corn genotypes availables with those characteristics. So, it was aimed in this work to evaluate the effect of silicon on the aphid's development on corn plants. Preference tests with leaves detached from the plants and on corn plants were accomplished. Its was found that the treatments where silicon was applied to the soil plus a foliar sprayed fertilization or through two foliar applications were the ones which contained a lower number of aphids, increasing the resistance of leaves and making the feeding of those insects difficult. In general, the results showed that silicon affected the leaf aphid's preference.Uma tática para o controle do pulgão-do-milho Rhopalosiphum maids (Fitch, 1856 seria a utilização de materiais resistentes, porém, por não se tratar de uma praga-chave da cultura, não há, ainda, disponibilidade de genótipos de milho com essas características. Assim com o presente trabalho objetivou-se avaliar o efeito do silício na preferência do pulgão-da-folha em plantas de milho. Os tratamentos consistiram na aplicação de silício via solo e/ou foliar e testemunha. Foram realizados testes de não-preferência com folhas destacadas e diretamente em plantas de milho. Verificou-se que os tratamentos nos quais o silício foi aplicado via solo mais uma adubação foliar, ou mediante duas aplicações foliares, foram os que apresentaram menor número de pulgões, aumentando a resistência das folhas e dificultando a alimentação desses insetos. De modo geral, o silício afetou a preferência do pulgão-da-folha.

  9. Caracterização farmacognóstica de folhas de Davilla elliptica St.-Hil. (Dilleniaceae Pharmacognostic characterization of the leaves of Davilla elliptica St.-Hil. (Dilleniaceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    M.L. Soares

    2005-12-01

    Full Text Available Davilla elliptica St.-Hil. é empregada popularmente no tratamento de hemorróidas, diarréias e ferimentos. O propósito deste trabalho foi realizar o estudo farmacognóstico de folhas de D. elliptica de dois locais do Estado de Goiás. Cortes paradérmicos e transversais foram submetidos a técnicas usuais de microscopia óptica. As folhas de D. elliptica são hipoestomáticas, sendo os estômatos predominantemente paracíticos. Na epiderme observam-se tricomas unicelulares em ambas faces. O mesofilo é isobilateral e apresenta idioblastos cristalíferos. O sistema vascular na nervura principal é constituído por três feixes vasculares, formando uma estrutura circular. No pecíolo o sistema vascular apresenta uma estrutura circular formada, provavelmente, pela união de vários feixes vasculares. O material pulverizado foi submetido a testes de prospecção fitoquímica, de pureza e quantitativo. Foi constatada a presença de taninos, cumarinas, resinas, flavonóides, saponinas, esteróides e triterpenóides. Os teores de cinzas totais foram de 10,32% e 12,26%; os de cinzas insolúveis em ácido, 7,46% e 9,68%; e os de umidade, 9,92% e 9,50%. Os teores de flavonóides totais foram de 1,20% e 1,48%, e os de taninos 9,89% e 13,96%. Devido ao número reduzido de amostras, não é possível afirmar, através deste estudo, que o perfil farmacognóstico de D. elliptica seja influenciado por fatores abióticos.Davilla elliptica St.-Hil. is popularly used in the treatment of hemorrhoid, diarrhea and wounds. The aim of this work was to characterize pharmacognosticaly two leaves samples of D. elliptica. Paradermal and transversal sections had been submitted the usual techniques of optical microscopy. The leaves of D. elliptica are hypostomatics, and the stomata predominantly paracytic. In both epidermis were observed unicellular non-glandular trichomes. The mesophyll is isolateral and shows idioblasts with crystals in raphide. The vascular system in

  10. Deficiência hídrica e aplicação de ABA nas trocas gasosas e no acúmulo de flavonoides em calêndula (Calendula officinalis L. = Water deficit and ABA application on leaf gas exchange and flavonoid content in marigold (Calendula officinalis L..

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ana Cláudia Pacheco

    2011-04-01

    Full Text Available O objetivo deste trabalho foi avaliar os efeitos da deficiencia hidrica e aplicacao de acido abscisico (ABA sobre aspectos fisiologicos e teor de flavonoides em plantas de calendula. Oexperimento foi instalado em condicoes de casa-de-vegetacao com plantas envasadas. No inicio do florescimento de plantas de calendula, foram aplicados quatro intervalos de suspensao da irrigacao (irrigacao diaria; tres; seis e nove dias sem irrigar, acompanhados por tres doses de ABA (0, 10 e 100 ƒÊM. Avaliou-se o conteudo relativo de agua na folha (CRA e as trocas gasosas, utilizando-se um analisador portatil por infravermelho (A: fotossintese liquida, gs: condutancia estomatica, E: transpiracao, Ci: concentracao intercelular de CO2 e EUA: eficiencia de uso daagua. Aos nove dias sem irrigacao ocorreram reducoes significativas em todas as variaveis de trocas gasosas analisadas, independente da aplicacao de ABA. Concluiu-se que o efeito principal do ABA foi o de causar diminuicao na gs, a qual foi acompanhada de reducao em A somente quando as plantas estavam desidratadas. As intensidades de deficiencia hidrica testadas nao causaram interferencia no acumulo de flavonoides nas inflorescencias. Entretanto, o ABA restringiu a biossintese de flavonoides, tanto nas plantas-controle como nas plantas submetidas a deficiencia hidrica.The goal of this study was to evaluate the effects of water deficit and abscisic acid (ABA application on physiological parameters and flavonoid production in marigold plant. The experiment was performed under nursery conditions with potted plants. It was tested water deficit by withholding water (control . diary irrigation, 3, 6 and9 days without irrigation followed by 3 ABA concentrations (0, 10 e 100 ƒÊM applied in the beginning of blooming. It was evaluated the relative water content and the leaf gas exchange using a portable infrared gas analyzer (A: net photosynthesis, gs: stomatal conductance, E: transpiration, Ci: CO2 intercellular

  11. Biomass production and essential oil yield from leaves, fine stems and resprouts using pruning the crown of Aniba canelilla (H.B.K. (Lauraceae in the Central Amazon Produção de biomassa e rendimento de óleo essencial de folhas, galhos finos e rebrotas utilizando poda da copa de Aniba canelilla (H.B.K. (Lauraceae na Amazônia Central

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Adriana Pellegrini Manhães

    2012-09-01

    Full Text Available Aniba canelilla (H.B.K. Mez. is a tree species from Amazon that produces essential oil. The oil extraction from its leaves and stems can be an alternative way to avoid the tree cutting for production of essential oil. The aim of this study was to analyse factors that may influence the essential oil production and the biomass of resprouts after pruning the leaves and stems of A. canelilla trees. The tree crowns were pruned in the wet season and after nine months the leaves and stems of the remaining crown and the resprouts were collected, in the dry season. The results showed that the essential oil yield and chemical composition differed among the stems, leaves and resprouts. The stems' essential oil production differed between the seasons and had a higher production in the resprouting stems than the old stems of the remaining crown. The production of essential oil and leaf biomass of resprouts were differently related to the canopy openness, indicating that light increases the production of the essential oil and decreases the biomass of resprouting leaves. This study revealed that plant organs differ in their essential oil production and that the canopy openness must be taken into account when pruning the A. canelilla tree crown in order to achieve higher oil productivity.Aniba canelilla (H.B.K. Mez. é uma espécie arbórea da Amazônia que produz óleo essencial. A extração do óleo de suas folhas e galhos pode ser uma forma alternativa de evitar a derrubada do tronco para sua produção de óleo essencial. O objetivo deste estudo foi analisar os fatores que podem influenciar a produção de óleo essencial e sua biomassa da rebrota após a poda de folhas e galhos das árvores de A. canelilla. As copas das árvores foram podadas na estação chuvosa e, após nove meses, as folhas e os galhos da copa remanescente e da rebrota foram coletadas na estação seca. Os resultados mostraram que o rendimento e a composição química de

  12. "Panoramas das literaturas das Américas"

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Helcías Martán Góngora

    1959-08-01

    Full Text Available De manera poco menos que ignorada pasó entre nosotros el primer volumen del Panorama das Literaturas das Américas, editado por el Municipio de Nova Lisboa, en Angola, a mediados del año de 1958. Es verdad que este libro no fue puesto a la venta en las librerías, pero fue remitido a varios escritores colombianos.

  13. Psicoterapia das depressões

    OpenAIRE

    Sidnei Schestatsky; Marcelo Fleck

    1999-01-01

    Os autores examinam o status atual das psicoterapias no tratamento das depressões, principalmente das quatro formas melhor testadas empiricamente nos últimos 10 anos: psicoterapia interpessoal, psicoterapia cognitiva e comportamental, e psicoterapia psicodinâmica breve. São descritos os principais estudos de eficácia dessas psicoterapias assim como uma revisão metaanalítica sobre o assunto. Conclui-se que já há sólidas evidências de bons resultados nas depressões ambulatoriais e unipolares qu...

  14. Efeito de aplicações de lodos de esgoto sobre os teores de metais pesados em folhas e grãos de milho Effects of sewage sludge applications on heavy metal contents in corn leaves and grains

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Otacílio José Passos Rangel

    2006-06-01

    Full Text Available O lodo de esgoto é uma fonte importante de nutrientes para as culturas; contudo, os teores de metais pesados em sua constituição podem limitar seu uso em solos agrícolas. O objetivo deste estudo foi avaliar o efeito de doses de lodos de esgoto oriundos das Estações de Tratamento de Esgoto de Barueri (LB e de Franca (LF, SP, sobre os teores de metais pesados em folhas e grãos de milho. O experimento foi realizado no Campo Experimental da Embrapa Meio Ambiente, em Jaguariúna (SP, no período de 1999 a 2001. Foram realizados três cultivos sucessivos de milho, com os seguintes tratamentos: testemunha absoluta; adubação mineral (NPK recomendada para a cultura do milho, lodo de esgoto com base no teor de N para fornecer uma, duas, quatro e oito vezes a dose de N da adubação mineral. Avaliaram-se os teores totais (digestão nítrico-perclórica de Cu, Mn, Ni, Pb e Zn em folhas e grãos de milho. A aplicação sucessiva dos lodos de esgoto acarretou aumento nos teores de Mn e Zn em folhas e grãos de milho. Em relação ao tratamento testemunha, a aplicação da dose mais elevada do LB (8LB promoveu um incremento de até 270 e 625 % e de 35 e 115 % nos teores de Mn e Zn, respectivamente, nas folhas e grãos de milho. As folhas apresentaram maiores teores de metais pesados do que os grãos, o que envolve maior possibilidade de transferência de metais para a cadeia alimentar, caso essa parte da planta seja consumida. Essa elevação nos teores de metais pesados em folhas e grãos de milho, até à terceira aplicação dos lodos, não foi suficiente para atingir os níveis considerados fitotóxicos para o milho, tampouco para inviabilizar o uso dos grãos para o consumo humano.Sewage sludge is an important source of nutrients for crops, although the heavy metal contents can limit its use in agricultural soils. The objective of this study was to evaluate the effects of doses of sewage sludge (from the Treatment Stations of Barueri (LB and

  15. Dietary supplementation with mulberry leaf flavonoids inhibits methanogenesis in sheep.

    Science.gov (United States)

    Ma, Tao; Chen, Dan-Dan; Tu, Yan; Zhang, Nai-Feng; Si, Bing-Wen; Diao, Qi-Yu

    2017-01-01

    The effects of flavonoids on methanogenesis and microbial flora in Dorper × thin-tailed Han crossbred ewes were evaluated in two experiments. To investigate the effects of flavonoids on nutrient digestibility and nitrogen balance, 18 ewes (60.0 ± 1.73 kg body weight (BW)) were allotted to two dietary treatments in experiment one, a control diet and the control diet supplemented with flavonoids (2 g/head/day). In experiment two, the effects of supplementary flavonoids on ruminal fermentation and microbial flora were investigated using quantitative polymerase chain reaction with six ewes (67.2 ± 0.79 kg BW) with ruminal cannula assigned to the identical dietary treatments used in experiment one. Supplementary flavonoids improved the apparent digestibility of nitrogen (N, P flavonoids, whereas the total volatile fatty acid (VFA) content increased (P = 0.037). Supplementary flavonoids decreased ruminal populations of protozoans (P = 0.002) and methanogens (P flavonoids improved the digestibility of organic matter and reduced CH4 output by inhibiting the populations of microbes involved in methanogenesis.

  16. Dietary intake of flavonoids and asthma in adults

    NARCIS (Netherlands)

    Garcia, V.; Arts, I.C.W.; Sterne, J.A.C.; Thompson, R.L.; Shaheen, S.O.

    2005-01-01

    Epidemiological studies have suggested that a high consumption of apples may protect against asthma and chronic obstructive pulmonary disease. This effect has been attributed to their high flavonoid content, but few studies have investigated the relationship between flavonoid intake and obstructive

  17. FLAVONOID NATURAL SOURCES AND THEIR IMPORTANCE IN THE HUMAN DIET

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Martina Danihelová

    2011-12-01

    Full Text Available Flavonoids as natural bioactive compounds are present in almost every sort of fruits, vegetables and from them derived products. Flavonols may be found mainly in fruits and vegetables, while flavones are abundant in herbs and spices. Rich natural sources of flavanols are tea, cocoa, grape seeds or apple skin. Flavanones are primarily found in a variety of citrus fruits and anthocyanidins