WorldWideScience

Sample records for dos transtornos invasivos

  1. Instrument to screen cases of pervasive developmental disorder: a preliminary indication of validity Instrumento para rastreamento dos casos de transtorno invasivo do desenvolvimento: estudo preliminar de validação

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fábio Pinato Sato

    2009-03-01

    Full Text Available OBJECTIVE: To translate into Portuguese, back-translate, culturally adapt and validate a screening instrument for pervasive developmental disorder, the Autism Screening Questionnaire, for use in Brazil. METHOD: A sample of 120 patients was selected based on three groups of 40: patients with a clinical diagnosis of pervasive developmental disorder, Down syndrome, or other psychiatric disorders. The self-administered questionnaire was applied to the patients' legal guardians. Psychometric measures of the final version of the translated questionnaire were tested. RESULTS: The score of 15 had sensitivity of 92.5% and specificity of 95.5% as a cut-off point for the diagnosis of pervasive developmental disorder. Internal validity for a total of 40 questions was 0.895 for alpha and 0.896 for KR-20, ranging from 0.6 to 0.8 for both coefficients. Test and retest reliability values showed strong agreement for most questions. CONCLUSIONS: The final version of this instrument, translated into Portuguese and adapted to the Brazilian culture, had satisfactory measurement properties, suggesting preliminary validation proprieties. It was an easy-to-apply, useful tool for the diagnostic screening of individuals with pervasive developmental disorder.OBJETIVO: Tradução, retro-versão, adaptação cultural e validação do Autism Screening Questionnaire para a língua portuguesa e para o seu uso no Brasil. MÉTODO: Foi selecionada uma amostra inicial de 120 pacientes, encaminhados de duas clínicas privadas e uma pública, divida em três grupos de 40 pacientes distintos: pacientes com diagnóstico clínico de transtornos globais do desenvolvimento ou transtornos invasivos do desenvolvimento; de síndrome de Down e de outros transtornos psiquiátricos. O questionário foi aplicado aos responsáveis legais dos pacientes seguindo os padrões de um questionário auto-aplicável. As medidas psicométricas do questionário traduzido, na sua versão final, foram

  2. Transtornos invasivos do desenvolvimento não-autísticos: síndrome de Rett, transtorno desintegrativo da infância e transtornos invasivos do desenvolvimento sem outra especificação

    OpenAIRE

    2006-01-01

    A categoria "transtorno invasivos do desenvolvimento" inclui o autismo, a síndrome de Asperger, a síndrome de Rett, o transtorno desintegrativo da infância e uma categoria residual denominada transtornos invasivos do desenvolvimento sem outra especificação. Nesta revisão, a síndrome de Rett e o transtorno desintegrativo da infância, que são categorias bem definidas, serão discutidas, assim como as categorias não tão bem definidas que foram incluídas no grupo transtornos invasivos do desenvolv...

  3. Atualização sobre comorbidade entre transtorno do déficit de atenção e hiperatividade (TDAH) e transtornos invasivos do desenvolvimento (TID)

    OpenAIRE

    Daniel Segenreich; Paulo Mattos

    2007-01-01

    CONTEXTO: Atualmente, a comorbidade transtorno do déficit de atenção e hiperatividade (TDAH) e transtornos invasivos do desenvolvimento (TID) não pode ser estabelecida por meio dos critérios da DSM-IV. Entretanto, diversos pesquisadores questionam esta impossibilidade descrevendo quadros clínicos de pacientes que apresentam características de ambos os transtornos. Esta revisão busca estes achados e propõe uma reflexão sobre o assunto. OBJETIVO: Revisar, de modo seletivo, estudos mais signific...

  4. Transtornos invasivos do desenvolvimento não-autísticos: síndrome de Rett, transtorno desintegrativo da infância e transtornos invasivos do desenvolvimento sem outra especificação Non-autistic pervasive developmental disorders: Rett syndrome, disintegrative disorder and pervasive developmental disorder not otherwise specified

    OpenAIRE

    2006-01-01

    A categoria "transtorno invasivos do desenvolvimento" inclui o autismo, a síndrome de Asperger, a síndrome de Rett, o transtorno desintegrativo da infância e uma categoria residual denominada transtornos invasivos do desenvolvimento sem outra especificação. Nesta revisão, a síndrome de Rett e o transtorno desintegrativo da infância, que são categorias bem definidas, serão discutidas, assim como as categorias não tão bem definidas que foram incluídas no grupo transtornos invasivos do desenvolv...

  5. Detecção dos transtornos invasivos na criança: perspectiva das mães Detección de los trastornos invasivos en el niño: perspectiva de madres Detection of pervasive disorders in the child: a maternal perspective

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria Rita Braga

    2004-12-01

    Full Text Available Os Transtornos Invasivos do Desenvolvimento se caracterizam por alterações presentes desde idades precoces e se manifestam nas áreas de desenvolvimento da comunicação, comportamento e relação interpessoal. O objetivo deste estudo foi apreender, através da perspectiva materna, como se deu o processo de detecção desses transtornos. Para tanto, realizou-se um estudo quanti-qualitativo a partir de entrevista semi-estruturada com 20 mães de crianças portadoras desses quadros. A classificação se deu por meio de análise de conteúdo. Os resultados indicaram que o diagnóstico desses transtornos está sendo realizado após a idade preconizada e que os primeiros sinais característicos são percebidos pela família, principalmente, pela mãe. Esses resultados sugerem que os profissionais de saúde infantil parecem não estar sensibilizados para a importância do efetivo acompanhamento do desenvolvimento, o que permitiria a detecção precoce desses desvios, minimizando, assim, seus efeitos negativos presentes e futuros.Los Trastornos Invasivos del Desarrollo se caracterizan por alteraciones presentes en edades precoces y se manifiestan en las áreas de desarrollo de la comunicación, comportamiento y relación interpersonal. El objetivo de este estudio ha sido aprender a través de la perspectiva materna como ocurrió el proceso de detección de estos trastornos. Para eso, se realizó un estudio cuanti-cualitativo a partir de una encuesta semi-estructurada con 20 niños portadores de estos cuadros. La clasificación fue realizada a través de análisis de contenido. Los resultados indicaron que el diagnóstico de estos trastornos está siendo realizado tras la edad preconizada y que las primeras señales características son percibidas por la familia, principalmente por la madre. Estos resultados sugieren que los profesionales de salud infantil parecen no estar sensibilizados para la importancia del efectivo acompañamiento del desarrollo

  6. Percepção de faces em crianças e adolescentes com Transtorno Invasivo do Desenvolvimento

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fernanda Tebexreni Orsati

    2009-12-01

    Full Text Available Novas possibilidades promissoras de avaliação vêm sendo estudadas nos Transtornos Invasivos do Desenvolvimento (TID como, por exemplo, análise dos movimentos oculares. O objetivo deste trabalho foi comparar crianças com TID e crianças com desenvolvimento normal na percepção de faces humanas, por meio da análise do rastreamento visual. Foram avaliados 10 participantes com TID, idade média de 11,9 anos (DP=3,22, pareados por idade e sexo, com 10 crianças com desenvolvimento normal. Dez faces neutras em branco e preto foram observadas por 10 segundos, controlando-se nos estímulos: gênero (masculino ou feminino; posição (normal ou invertida e presença dos olhos (presente ou ausente. Observaram-se diferenças significativas: o grupo TID olhou menos tempo para a região dos olhos nas figuras masculinas; gastou menos tempo na face e nos olhos em figuras invertidas; além de utilizar menos tempo na fixação da face com olhos presentes e ocultados; já o grupo controle olhou mais na região dos olhos, quando os estes estavam ocultados.

  7. Transtornos invasivos do desenvolvimento não-autísticos: síndrome de Rett, transtorno desintegrativo da infância e transtornos invasivos do desenvolvimento sem outra especificação Non-autistic pervasive developmental disorders: Rett syndrome, disintegrative disorder and pervasive developmental disorder not otherwise specified

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marcos T Mercadante

    2006-05-01

    Full Text Available A categoria "transtorno invasivos do desenvolvimento" inclui o autismo, a síndrome de Asperger, a síndrome de Rett, o transtorno desintegrativo da infância e uma categoria residual denominada transtornos invasivos do desenvolvimento sem outra especificação. Nesta revisão, a síndrome de Rett e o transtorno desintegrativo da infância, que são categorias bem definidas, serão discutidas, assim como as categorias não tão bem definidas que foram incluídas no grupo transtornos invasivos do desenvolvimento sem outra especificação. Diferentes propostas de categorização têm sido feitas, algumas baseadas em abordagem fenomenológica descritiva, outras baseadas em outras perspectivas teóricas, tais como a neuropsicologia. As propostas atuais são apresentadas e discutidas, seguidas por avaliações críticas sobre as vantagens e desvantagens desses conceitos.The category "Pervasive Developmental Disorders" includes autistic disorder, Asperger's syndrome, Rett's syndrome, childhood disintegrative disorder, and a residual category, named pervasive developmental disorder not otherwise specified. In this review, Rett's syndrome and childhood disintegrative disorder, which are well-defined categories, will be discussed, as well as the not well defined categories that have been included in the Pervasive Developmental Disorder Not Otherwise Specified group. Different proposals of categorization have been created, some of which based on descriptive phenomenological approach, and others based upon other theoretical perspectives, such as neuropsychology. Current proposals are presented and discussed, followed by critical appraisals on the clinical advantages and disadvantages of these concepts.

  8. Terapia de linguagem de irmãos com transtornos invasivos do desenvolvimento: estudo longitudinal Language therapy of brothers with pervasive developmental disorders: longitudinal study

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Andréa Regina Nunes Misquiatti

    2010-01-01

    Full Text Available O objetivo deste trabalho foi descrever o processo de intervenção fonoaudiológica de dois irmãos com transtornos invasivos do desenvolvimento, por meio de um estudo longitudinal de caso clínico. Participaram dois irmãos, um de nove e outro de 11 anos de idade, ambos do gênero masculino, com autismo (Caso 1 e transtorno invasivo do desenvolvimento sem outra especificação (Caso 2. Como procedimento de coleta e análise de dados foi realizado um estudo longitudinal, por meio de acompanhamento dos casos ao longo de quatro anos de intervenção fonoaudiológica. Foram realizadas filmagens durante as sessões de terapia, análise documental de informações dos prontuários referentes à anamnese, avaliação e relatórios terapêuticos fonoaudiológicos, exames e avaliações multidisciplinares. Em ambos os casos houve melhora no contato visual, na interação social, no vocabulário e na brincadeira simbólica. No Caso 1 ocorreu aumento de 2,0 para 6,2 atos comunicativos por minuto, no Caso 2 de 3,5 para 8,0 atos e ambos demonstraram predominância do meio verbal e maior variedade de funções comunicativas. Outros fatores influenciaram estes resultados, como a deficiência intelectual, a dinâmica familiar, os conflitos no relacionamento entre os irmãos e o ambiente escolar em que estavam inseridos. Confirmou-se a relevância do fonoaudiólogo em intervenções nos transtornos invasivos do desenvolvimento, junto a equipes multidisciplinares, para a discussão diagnóstica e de condutas mais adequadas. Estudos longitudinais podem contribuir para uma análise mais detalhada e fidedigna de intervenções terapêuticas nesses casos, para esclarecer lacunas existentes na literatura e subsidiar a atuação do fonoaudiólogo clínico.The aim of this research was to describe the language intervention process of two brothers with pervasive developmental disorders, through a longitudinal clinical case study. Two brothers - one nine and the other 11

  9. Epidemiologia dos transtornos alimentares: estado atual e desenvolvimentos futuros

    OpenAIRE

    Hay Phillipa J

    2002-01-01

    Os objetivos do presente trabalho foram: fornecer uma avaliação do progresso da epidemiologia na área de transtornos alimentares, desde estudos sobre incidência e prevalência até os estudos comunitários prospectivos, bem como estudos caso-controle; sintetizar o atual estado da incidência e prevalência dos transtornos alimentares; discutir os estudos epidemiológicos analíticos sobre os transtornos alimentares, enfocando estudos comunitários sobre fatores de risco e nosologia; e apontar as área...

  10. Atualização sobre comorbidade entre transtorno do déficit de atenção e hiperatividade (TDAH e transtornos invasivos do desenvolvimento (TID Update on the comorbidity of attention-deficit/hyperactivity disorder (ADHD and pervasive developmental disorder (PDD

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Daniel Segenreich

    2007-01-01

    Full Text Available CONTEXTO: Atualmente, a comorbidade transtorno do déficit de atenção e hiperatividade (TDAH e transtornos invasivos do desenvolvimento (TID não pode ser estabelecida por meio dos critérios da DSM-IV. Entretanto, diversos pesquisadores questionam esta impossibilidade descrevendo quadros clínicos de pacientes que apresentam características de ambos os transtornos. Esta revisão busca estes achados e propõe uma reflexão sobre o assunto. OBJETIVO: Revisar, de modo seletivo, estudos mais significativos da literatura para compilar uma atualização sobre a comorbidade transtorno do déficit de atenção e hiperatividade (TDAH e transtornos invasivos do desenvolvimento (TID. MÉTODO: Por meio de busca no sistema Medline, selecionaram-se todos os artigos em inglês, publicados entre 2000 e 2005, sobre sintomas de TDAH em pacientes com TID, sintomas autistas em pacientes com TDAH e duplo diagnóstico TDAH/TID, utilizando-se os termos "ADHD", "pervasive", "autism", "ADD", "Asperger" e "PDD". RESULTADOS: Encontraram-se 10 artigos que atendiam aos critérios. Embora haja poucos estudos com amostras pequenas, diferentes autores identificaram um subgrupo distinto de pacientes com TID e maior freqüência e gravidade de sintomas de desatenção e hiperatividade, que aparentemente apresentam menor resposta ao tratamento com estimulantes. CONCLUSÃO: Embora o diagnóstico duplo TDAH e TID não seja corroborado pelo DSM-IV, alguns resultados sugerem que essa comorbidade não deva ser desconsiderada.BACKGROUND: Nowadays, the attention-deficit hyperactivity disorder/pervasive developmental disorder (ADHD/PDD comorbidity is not accepted by DSM-IV criteria. However, researchers from both areas put in check this impossibility and describe patients who have both clinical aspects from attention-deficit hyperactivity disorder (ADHD and pervasive developmental disorder (PDD. In this article we search for this findings proposing new insights on this assumption

  11. Neurobiologia dos transtornos do controle dos impulsos The neurobiology of impulse control disorders

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Wendol A Williams

    2008-05-01

    Full Text Available OBJETIVO: Revisar os artigos sobre substratos neurobiológicos dos transtornos do controle dos impulsos. O jogo patológico é o foco central desta revisão na medida em que a maioria dos estudos biológicos dos formalmente classificados como transtornos do controle dos impulsos examinou este transtorno. MÉTODO: Foi feita uma busca no banco de dados Medline de artigos publicados de 1966 até o presente para identificar aqueles relevantes para serem revisados neste artigo. DESFECHOS: Estudos pré-clínicos sugerem que a neuromodulação das monoaminas cerebrais está associada à tomada de decisões impulsivas e aos comportamentos de risco. Os estudos clínicos implicam diversos sistemas de neurotransmissores (serotoninérgico, dopaminérgico, adrenérgico e opióide na fisiopatologia do jogo patológico e de outros transtornos do controle dos impulsos. Estudos de neuroimagem preliminares têm indicado o córtex pré-frontal ventromedial e o estriato ventral como atuantes na fisiopatologia do jogo patológico e de outros transtornos do controle dos impulsos. As contribuições genéticas para o jogo patológico parecem substanciais e os estudos iniciais têm relacionado esse transtorno a polimorfismos alélicos específicos, ainda que os achados de varredura genômica ainda tenham que ser publicados. CONCLUSÃO: Mesmo que tenham sido logrados avanços significativos em nossa compreensão sobre os transtornos do controle dos impulsos, mais pesquisas são necessárias para ampliar o conhecimento existente e traduzir esses achados em avanços clínicos.OBJECTIVE: To review the neurobiological substrates of impulse control disorders. Pathological gambling is a main focus of the review in that most biological studies of the formal impulse control disorders have examined this disorder. METHOD: The medical database Medline from 1966 to present was searched to identify relevant articles that were subsequently reviewed to generate this manuscript

  12. Manifestações precoces dos transtornos do comportamento na criança e no adolescente Early manifestations of behavioral disorders in children and adolescents

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Eugênio Grillo

    2004-04-01

    Full Text Available OBJETIVO: Revisão sobre o diagnóstico precoce dos principais transtornos do comportamento na criança e no adolescente, fornecendo informações práticas relativas às primeiras manifestações clínicas e à importância do diagnóstico precoce. FONTES DOS DADOS: Revisão narrativa, com levantamento na PubMed das publicações que contêm aspectos do diagnóstico precoce, especialmente na última década. SÍNTESE DOS DADOS: Os pediatras devem estar preparados e atentos para detectar precocemente um transtorno do comportamento, já que, em alguns desses transtornos, intervenções precoces podem melhorar a evolução. Além disso, essas intervenções podem levar ao diagnóstico de doenças de herança mendeliana, passíveis de aconselhamento genético. São enfocadas as manifestações precoces dos transtornos invasivos do desenvolvimento, do transtorno do déficit de atenção/hiperatividade, do transtorno de ansiedade de separação, do transtorno de ansiedade generalizada, da depressão, da esquizofrenia, dos principais transtornos alimentares da criança maior ou adolescente (anorexia nervosa e bulimia nervosa e do uso e abuso de substâncias. CONCLUSÕES: As manifestações precoces dos principais transtornos do comportamento na criança e no adolescente podem ser observadas antes da idade na qual o diagnóstico tem sido habitualmente estabelecido. O diagnóstico precoce implica intervenções precoces e orientação dos pais a respeito do prognóstico ou, em algumas situações, aconselhamento genético. A comorbidade entre esses transtornos é muito freqüente, e a manifestação de uma delas pode ser a pista para o diagnóstico de outra.OBJECTIVE: To discuss the early diagnosis of behavioral disorders in childhood and adolescence and to provide the pediatrician with practical knowledge about the first symptoms of the main behavioral disorders at this age. SOURCES OF DATA: PubMed (emphasis on the past decade. SUMMARY OF THE FINDINGS

  13. Em busca das origens desenvolvimentais dos transtornos mentais Searching for the developmental origins of mental disorders

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Guilherme V. Polanczyk

    2009-01-01

    Full Text Available INTRODUÇÃO: A psicopatologia desenvolvimental é uma disciplina que integra perspectivas epidemiológicas, sociais, genéticas, desenvolvimentais e de psicopatologia para entender as origens e o curso dos transtornos mentais. Neste artigo, são discutidos abordagens e conceitos utilizados para compreender as origens desenvolvimentais dos transtornos mentais. RESULTADOS: A psicopatologia desenvolvimental entende que os transtornos mentais são possíveis desfechos do processo de desenvolvimento e são dependentes de influências sociais, genéticas e ambientais. Esses diversos fatores estão inter-relacionados de diferentes formas e em diferentes níveis, exercendo um efeito dimensional. São discutidos: a abordagens para determinar causalidade entre eventos ambientais e transtornos mentais; b a importância de entendimento dos mecanismos biológicos através dos quais fatores ambientais e genéticos atuam; c fatores genéticos predizendo a exposição a estressores ambientais; e d fatores genéticos moderando o efeito de estressores ambientais. CONCLUSÕES: As origens dos transtornos mentais podem ser iluminadas por dados de estudos que utilizam enfoques e conceitos complementares e que integrem influências sociais, genéticas, ambientais e desenvolvimentais.INTRODUCTION: Developmental psychopathology is a discipline that integrates epidemiological, social, genetic, developmental, and psychopathological perspectives to understand the origins and courses of mental disorders. In the present paper, theoretical concepts and approaches applied with the purpose of understanding the developmental origins of mental disorders are discussed. RESULTS: According to developmental psychopathology, mental disorders are possible outcomes of the developmental process that depend upon social, genetic, and environmental influences. These factors are linked in different ways and levels, exerting a dimensional effect. The following factors are addressed: a

  14. Instrumentos para a avaliação dos transtornos alimentares

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Freitas Silvia

    2002-01-01

    Full Text Available Este artigo descreve os principais instrumentos e métodos utilizados para mensurar os aspectos psicopatológicos gerais e específicos dos transtornos alimentares. São revistos treze instrumentos auto-aplicáveis e duas entrevistas clínicas semi-estruturadas. Os autores apresentam para cada instrumento de avaliação uma breve descrição de sua estrutura, sua utilização preferencial e se existe versão para o português. Ao final do artigo, é apresentada uma sugestão de protocolo psicométrico para anorexia nervosa, bulimia nervosa e transtorno da compulsão alimentar periódica.

  15. Tratamento nutricional dos transtornos alimentares Nutritional treatment of eating disorders

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Andréa Romero Latterza

    2004-01-01

    Full Text Available Pacientes com transtornos alimentares possuem inadequações profundas no consumo, padrão e comportamento alimentar, além de diversas crenças equivocadas sobre alimentação, o que geralmente acarreta piora do estado nutricional. O tratamento nutricional visa a reverter tais alterações e promover hábitos alimentares saudáveis e melhor relação para com o alimento. Os objetivos e características do tratamento diferem para a anorexia nervosa e a bulimia nervosa, contudo, usualmente, a abordagem é dividida em duas fases: a educacional, cujas principais metas são a regularização do hábito alimentar e o aumento do conhecimento nutricional, e a experimental, que visa a propiciar maior reabilitação nutricional e mudanças mais profundas no comportamento alimentar. As evidências existentes sugerem que o tratamento nutricional promove a melhora de tais parâmetros, porém, alguns comportamentos alimentares, como a sensação de incompetência ao lidar com os alimentos, permanecem. Desta forma, mais estudos são necessários para que se possa de fato avaliar a eficácia da abordagem nutricional.Patients with eating disorders have disturbed food intake, food pattern, food behavior, and mistaken beliefs about food and nutrition, which can worsen nutritional status. The nutritional treatment aims to revert such alterations and to promote better food habits and relationship with food. The objectives and characteristics of the treatment are different for anorexia nervosa and bulimia nervosa, but usually the approach has two phases: the educational phase, whose major goals are regularization of food habits and increase of nutrition knowledge; and the experimental phase, whose targets are better nutritional rehabilitation and more complex improvements of nutritional behavior. Evidence suggests that nutritional treatment can ameliorate such parameters, but some inadequate food behaviors remain, such as feeling of incompetence while dealing with

  16. Percepções dos pacientes quanto aos procedimentos invasivos no pós-operatório de cirurgias de grande porte

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria Eunice Medeiros Teixeira

    1994-09-01

    Full Text Available Estudo descritivo, com abordagem qualitativa, onde as percepções dos pacientes submetidos a cirurgias de grande porte, em relação aos procedimentos invasivos, foram objetos centrais. O local onde o estudo se desenvolveu foi a clínica cirúrgica de um hospital de ensino em Goiânia. A população constituiu-se de pacientes submetidos de procedimentos invasivos de ambos os gêneros, com faixa etária entre dezoito e sessenta e nove anos. A entrevista semi-estruturada e a observação direta foram utilizadas para a coleta de dados. Os resultados apresentados em três categorias, evidenciaram pouca orientação e interação profissionais-pacientes. A sonda nasogástrica foi o procedimento invasivo que mais incomodou o grupo pesquisado. Aspectos não esperados referentes ao tratamento foram também descritos neste estudo.

  17. Proximidade afetiva no relacionamento profissional-paciente no tratamento dos transtornos alimentares

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Laura Vilela e Souza

    2013-09-01

    Full Text Available Poucos espaços são oferecidos para escuta de como pacientes diagnosticados com transtornos alimentares entendem o discurso que preconiza a necessidade de distanciamento afetivo entre profissional e paciente. Buscamos compreender de que modo o pedido dos pacientes por maior proximidade afetiva em relação ao profissional de saúde pode participar da construção do bom relacionamento com médicos, psicólogos e nutricionistas. Pacientes de um serviço de assistência em transtornos alimentares foram entrevistados. A análise do material baseou-se na proposta teórico-metodológica das práticas discursivas e produção de sentidos sustentada pelo discurso construcionista social. Foram destacados os sentidos e discursos e os jogos de posicionamentos implicados nessas produções discursivas. As participantes construíram a proximidade com o profissional como ingrediente fundamental para uma possível superação do transtorno. Os argumentos a favor de um contato mais íntimo com os profissionais e o uso do discurso da neutralidade pelo profissional foram problematizados em seu contexto de produção.

  18. Responsabilidade civil dos profissionais de enfermagem nos procedimentos invasivos Responsabilidad civil de los profesionales de enfermería en procedimientos invasivos Damage liability of nursing professionals in the invasive procedures

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cristina Maria Miranda de Sousa

    2009-10-01

    Full Text Available Este estudo teve por objetivo apreender as Representações Sociais da Responsabilidade Civil da Enfermagem nos procedimentos invasivos elaboradas pelos profissionais da área. Trata-se de uma pesquisa qualitaitva desenvolvida em um hospital público com 64 sujeitos. Os dados foram produzidos a partir do Teste de Associação Livre de Palavras, processados pelo software Tri-Deux Mots, sendo feita Análise Fatorial de Correspondência. O campo representacional dos sujeitos indicou atitudes favoráveis com relação ao estímulo procedimentos invasivos. As concepções sobre o estímulo infecção hospitalar demonstraram uma visão ampla do problema das infecções hospitalares e suas graves consequências. Porém, não se observou preocupação e manifestação nas representações sociais dos sujeitos sobre as responsabilidades civil do profissional de Enfermagem.Este estudio tuvo como objetivo aprehender las Representaciones Sociales de la Responsabilidad Civil de Enfermería en los procedimientos invasivos elaborados por los profesionales del área. Tratase de una investigación cualitativa desarrollada en un hospital estatal con 64 sujetos. Los datos fueron producidos a partir de examen de asociación libre de palabras, procesadas por el software Tri-Deux Mots, siendo hecho Análisis Factorial de Correspondencia. El campo representacional de los sujetos indicó actitudes favorables con relación al estímulo procedimientos invasivos. Las concepciones sobre el estímulo infección hospitalario demostraron una visión amplia del problema de las infecciones hospitalarios y sus graves consecuencias. Sin embargo no se observó preocupación y manifestación en las representaciones sociales del sometido sobre las responsabilidades civil del profesional de Enfermería.This study had as objective to apprehend the Social Representation of damage liability of nursing in the invasive procedures elaborated by the professionals of the area. It treats of a

  19. Terapia cognitivo-comportamental dos transtornos alimentares Cognitive-behavioural therapy of eating disorders

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Mônica Duchesne

    2002-12-01

    Full Text Available A terapia cognitivo-comportamental é uma intervenção breve, semi-estruturada e orientada para metas, que tem sido amplamente utilizada nos centros de pesquisa e tratamento de transtornos alimentares. O presente artigo tem por objetivo descrever as principais estratégias cognitivas e comportamentais utilizadas no tratamento ambulatorial dos transtornos alimentares. Vários ensaios clínicos avaliaram a eficácia da terapia cognitivo-comportamental, indicando que ela favorece a remissão ou diminuição da freqüência de episódios de compulsão alimentar, dos comportamentos purgativos e da restrição alimentar. Tem sido relatada também melhora do humor, do funcionamento social, e diminuição da preocupação com peso e formato corporal.The cognitive-behavioural therapy is a brief, semi-structured and goal oriented intervention, which has been largely used in research and treatment centers specialized on eating disorders. The present article describes the main cognitive and behavioral strategies used in the outpatient treatment of eating disorders. Several clinical studies assessed the effectiveness of cognitive-behavioural therapy, indicating the remission or the reduction of the frequency of binge eating episodes, purgative behaviours and food restriction. Social and mood improvement, as well as reduction of weight and body shape concerns, have also been reported.

  20. Tratamento farmacológico dos transtornos alimentares Pharmacological treatment of eating disorders

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Jose C Appolinario

    2002-12-01

    Full Text Available O tratamento dos transtornos alimentares (TA geralmente exige uma abordagem multidisciplinar em que a farmacoterapia é adjuvante de abordagens psicológicas e nutricionais. Psicotrópicos são indicados para a maioria dos pacientes com TA para tratar as comorbidades e também os sintomas chamados nucleares. Progressos importantes estão ocorrendo nos últimos anos. Este artigo apresenta uma revisão das evidências atuais e perspectivas futuras para o tratamento farmacológico da anorexia nervosa, bulimia nervosa e do transtorno da compulsão alimentar periódica.The treatment of eating disorders (ED usually involves a multidisciplinary approach and pharmacotherapy is adjunctive to psychological and nutritional interventions. Psychotropic agents are prescribed for most patients with ED to treat both the comorbid conditions and ED core symptoms. Important progresses have occurred in the last years. We present an overview of the current evidences and future directions in the pharmacological treatment of anorexia nervosa, bulimia nervosa and binge eating disorder.

  1. Modelo etiológico dos comportamentos de risco para os transtornos alimentares em adolescentes brasileiros do sexo feminino

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Leonardo de Sousa Fortes

    2016-01-01

    Full Text Available Resumo: O objetivo foi construir um modelo etiológico dos comportamentos de risco para os transtornos alimentares em adolescentes brasileiros do sexo feminino. Participaram 1.358 adolescentes de quatro cidades. Foram avaliados os comportamentos de risco para os transtornos alimentares, insatisfação corporal, pressões midiáticas, autoestima, estado de humor, sintomas depressivos e perfeccionismo por intermédio de escalas psicométricas. Peso, estatura e dobras cutâneas foram aferidos para calcular o índice de massa corporal (IMC e o percentual de gordura (%G. O modelo de equação estrutural explanou 76% da variância dos comportamento de risco (F(9, 1.351 = 74,50; p = 0,001. Os achados indicaram que a insatisfação corporal mediou a relação entre as pressões midiáticas, autoestima, estado de humor, IMC, %G e os comportamentos de risco (F(9, 1.351 = 59,89; p = 0,001. Vale destacar que embora os sintomas depressivos não tenham se relacionado com a insatisfação corporal, o modelo indicou relação direta com os comportamentos de risco para os transtornos alimentares (F(2, 1.356 = 23,98; p = 0,001. Concluiu-se que somente o perfeccionismo não aderiu ao modelo etiológico dos comportamentos de risco para os transtornos alimentares em adolescentes brasileiras.

  2. Epidemiologia dos transtornos alimentares: estado atual e desenvolvimentos futuros Epidemiology of eating disorders: current status and future developments

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Phillipa J Hay

    2002-12-01

    Full Text Available Os objetivos do presente trabalho foram: fornecer uma avaliação do progresso da epidemiologia na área de transtornos alimentares, desde estudos sobre incidência e prevalência até os estudos comunitários prospectivos, bem como estudos caso-controle; sintetizar o atual estado da incidência e prevalência dos transtornos alimentares; discutir os estudos epidemiológicos analíticos sobre os transtornos alimentares, enfocando estudos comunitários sobre fatores de risco e nosologia; e apontar as áreas de estudos futuros, especialmente sobre a carga social e econômica e o grau de "conhecimento sobre saúde mental" da população em geral a respeito das pessoas com transtornos alimentares. Apesar dos problemas para identificar e recrutar um número suficiente de pessoas com anorexia nervosa e os métodos variáveis de recrutamento de casos, os estudos sobre incidência e prevalência dos transtornos alimentares atingiram um consenso e em geral não corroboram uma incidência ascendente atual, exceto, possivelmente, por um pequeno aumento na anorexia nervosa em mulheres jovens. A aplicação de métodos epidemiológicos analíticos permitiu uma compreensão melhor dos fatores ambientais e genéticos, em comparação com os sociais e econômicos, quanto ao risco de desenvolvimento de transtornos alimentares, bem como ajudaram no refinamento da nosologia desses transtornos. Futuramente, a epidemiologia analítica terá potencial para responder a questões-chave sobre a natureza e os determinantes dos transtornos alimentares e para ajudar a decidir como auxiliar os que mais necessitem.The present paper aims were: to provide an overview of development of epidemiology in the area of eating disorders, from studies of incidence and prevalence, through to community based prospective as well as case controlled studies; to summarise the current status of incidence and prevalence of eating disorders; to discuss analytic epidemiological studies of eating

  3. Diagnóstico dos transtornos do sono relacionados ao ritmo circadiano Diagnosis of circadian rhythm sleep disorders

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Denis Martinez

    2008-03-01

    Full Text Available Queixas de insônia e sonolência excessiva são comuns na investigação dos distúrbios respiratórios do sono; os transtornos do sono relacionados ao ritmo circadiano talvez sejam as causas mais freqüentemente esquecidas no diagnóstico diferencial destes sintomas. Estes transtornos se manifestam por desalinhamento entre o período do sono e o ambiente físico e social de 24 h. Os dois transtornos do sono relacionados ao ritmo circadiano mais prevalentes são o de fase atrasada (comum em adolescentes e avançada do sono (comum em idosos, situações nas quais o período de sono se desloca para mais tarde e mais cedo, respectivamente. As possíveis confusões com insônia e sonolência excessiva tornam importante ter sempre em mente estes transtornos. Entretanto, há nove possíveis diagnósticos, e todos são de interesse clínico. Como a luz é o principal sinal para sincronizar os relógios biológicos, pessoas cegas e trabalhadores em turnos e noturno são os mais propensos a desenvolver transtornos do sono relacionados ao ritmo circadiano. Neste artigo, revisa-se a nova classificação internacional dos transtornos do sono relacionados ao ritmo circadiano.Insomnia and excessive sleepiness are common in the investigation of sleep-disordered breathing. Circadian rhythm sleep disorders are perhaps the most often overlooked conditions in the differential diagnosis of these symptoms. Circadian rhythm sleep disorders manifest as misalignment between the sleep period and the physical/social 24-h environmental cycle. The two most prevalent circadian rhythm sleep disorders are delayed sleep phase (common in adolescents and advanced sleep phase (common in the elderly, situations in which the sleep period is displaced to a later or earlier time, respectively. It is important to keep these two disorders in mind, since they can be confused with insomnia and excessive sleepiness. However, there are nine possible diagnoses, and all nine are of clinical

  4. Genes relacionados ao metabolismo dos fosfolípides como fatores de risco para o transtorno afetivo bipolar

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Meira-Lima Ivanor V

    2003-01-01

    Full Text Available Os estudos de epidemiologia genética fornecem consistente evidência de que o componente genético tem um papel preponderante no risco para o Transtorno Afetivo Bipolar (TAB, embora genes de vulnerabilidade ainda não tenham sido identificados de forma inequívoca. Nesta atualização os autores apresentam dados demonstrando que os fosfolípides exercem um relevante papel nos processos de sinalização intracelular e que estudos da neuroquímica dos estabilizadores do humor convergem em apontar para uma ação destas drogas nas vias de transdução de sinais reguladas pelas fosfolipases. Concluem que investigações de variantes nos genes que codificam enzimas do metabolismo dos fosfolípides como potenciais genes de susceptibilidade podem ampliar o conhecimento acerca dos fatores de risco e dos mecanismos fisiopatológicos envolvidos no surgimento destes transtornos do humor.

  5. Avaliação dos fatores terapêuticos de grupo e a resposta à terapia cognitivo-comportamental para transtorno de pânico e transtorno obsessivo compulsivo

    OpenAIRE

    2015-01-01

    Estudos evidenciam a eficácia da terapia cognitivo-comportamental em grupo (TCCG) para pacientes com transtorno de pânico (TP) e para pacientes com transtorno obsessivo-compulsivo (TOC). O processo das terapias em grupo é complexo e apresentam fatores considerados terapêuticos por facilitarem novas aprendizagens. Entretanto, estudos sobre o processo terapêutico de TCCG ainda são escassos. Os objetivos deste estudo foram: avaliar o efeito dos fatores terapêuticos na resposta à TCCG para pacien...

  6. Determinación de niveles de glucosa antes del tratamiento dental, comparando dos métodos no invasivos y un invasivo en pacientes de las clínicas de posgrado de la UDLSB

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Corina Flores Hernández

    2008-01-01

    Full Text Available Introducción: La glucosa es el hidrato de carbono más elemental y esencial para la vida, es el componente inicial o el resultado de las principales rutas del metabolismo de los glúcidos. Con la aparición de los tests a partir de los años 80 es posible medir la glucosa capilar con una sola gota de sangre con reflectómetros automatizados (glucómetros que en la actualidad son tan precisos como si la muestra fuera tomada en el mismo laboratorio y reporta los niveles de glucemia en menos de un minuto, con una confiabilidad muy alta, pero con menos confiabilidad están las determinaciones de glucosa en orina y saliva. Método: Se hizo un estudio transversal comparativo, incluyendo a sujetos de estudio con consentimiento informado, de 18 a 55 años, ambos géneros tratados en las clínicas de posgrados de la UDLSB del 15-29 julio del 2008. El marco muestral se calculó en base al 0.60 de correlación entre los métodos no invasivos a un nivel de confianza del 95%, una potencia de 90 obteniéndose 20 sujetos de estudio. El tamaño muestral se calculó en EPIDAT 3.0. Se excluyeron a los que sí eran diabéticos o tenían el síndrome metabólico, se siguió el siguiente protocolo: (1 Se explico el procedimiento a cada paciente y se recolectaron las muestras de saliva, orina y sangre (3 en total / paciente, se colocaron en tiras reactivas para que se detectaran los niveles de glucosa de acuerdo a los 3 métodos seleccionados, (2 Para los métodos no invasivos; se le pidió al paciente que elevara la lengua para poder tomar una muestra de saliva, enseguida se le pidió al paciente una muestra de orina y se colocó en una segunda tira reactiva, para la prueba de glucosa en sangre (método invasivo, se tomó el dedo meñique del paciente, se desinfectó el área y haciendo una ligera presión se pinchó el dedo para obtener una gota de sangre y colocarla en su respectiva tira reactiva, los datos se analizaron con pruebas de correlación mediante SPSS

  7. Histórias de Sucesso de Profissionais da Saúde no Tratamento dos Transtornos Alimentares

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Laura Vilela e Souza

    Full Text Available O objetivo deste artigo é descrever as histórias de sucesso de profissionais de saúde no atendimento de pessoas diagnosticadas com transtornos alimentares, entendendo que essas narrativas criam contraponto aos sentidos mais amplamente propagados na literatura da área que qualificam negativamente esse relacionamento. Participaram seis profissionais de um serviço de assistência ambulatorial em anorexia e bulimia de um hospital-escola. As entrevistas abertas foram analisadas a partir do discurso construcionista social. Os sentidos realçados abordam a ressignificação do paciente considerado difícil, importância do foco na relação profissional-paciente e não nos sintomas dos transtornos, aprendizado do profissional com o paciente, proximidade afetiva nessa relação, busca de alternativas para o embate de verdades entre profissional e paciente, e a psicoterapia para o profissional como abertura para autoreflexividade no atendimento ao paciente. Esses sentidos convidam à transformação do que vai ser considerado melhora e como o profissional participa do seu alcance.

  8. A determinação biológica dos transtornos mentais: uma discussão a partir de teses neurocientíficas recentes

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luna Rodrigues Freitas-Silva

    2016-01-01

    Full Text Available Resumo: A compreensão dos processos de formação dos transtornos mentais vem se mostrando desafiadora desde a fundação do campo psiquiátrico. O desenvolvimento das neurociências proporcionou novo fôlego à expectativa de encontrar estritamente no funcionamento biológico a explicação para o surgimento dos transtornos mentais. No entanto, tal objetivo não vem sendo alcançado com a esperada facilidade, de modo que novas hipóteses começam a se destacar nas pesquisas neurocientíficas. Neste artigo, identificamos as noções de epigenética, neurodesenvolvimento e plasticidade como os principais indicativos de um novo modo de compreender a biologia dos fenômenos mentais. A complexidade genética, o papel formativo do ambiente e as variações que caracterizam a vulnerabilidade implicam importantes modificações nas principais teses sobre a determinação biológica dos transtornos mentais, sugerindo uma reconfiguração dos limites entre o "social" e o "biológico" nas pesquisas em neurociências.

  9. Transtorno bipolar

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Alda Martin

    1999-01-01

    Full Text Available Os resultados de estudos de famílias sugerem que o transtorno bipolar tenha uma base genética. Essa hipótese foi reforçada em estudos de adoção e de gêmeos. A herança do transtorno bipolar é complexa, envolve vários genes, além de apresentar heterogeneidade e interação entre fatores genéticos e não-genéticos. Achados, que já foram replicados, já implicaram os cromossomos 4, 12, 18 e 21, entre outros, na busca por genes de suscetibilidade. Os resultados mais promissores foram obtidos através de estudos de ligação. Por outro lado, os estudos de associação geraram dados interessantes, mas ainda vagos. Os estudos de populações de pacientes homogêneos e a melhor definição do fenótipo deverão contribuir para avanços futuros. A identificação dos genes relacionados ao transtorno bipolar irá permitir o melhor entendimento e tratamento dessa doença.

  10. O grupo multifamiliar como recurso no tratamento dos transtornos alimentares Multifamily group therapy for patients diagnosed with eating disorders

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria Amelia da Silva Jaeger

    2011-01-01

    Full Text Available INTRODUÇÃO: O presente artigo é resultado do trabalho sistemático dos autores com grupos multifamiliares de pacientes com diagnóstico de transtorno alimentar (anorexia nervosa, bulimia nervosa e transtorno alimentar não especificado, conjuntamente com seus familiares. As sessões são oferecidas em um hospital público na cidade de Porto Alegre (RS. MÉTODO: Os registros em vídeo de quatro sessões de terapia de grupo multifamiliar foram analisados qualitativamente utilizando-se a técnica de análise de conteúdo. RESULTADOS: Grupos multifamiliares assim constituídos não foram encontrados na revisão da literatura, e sim apenas relatos de grupos multifamiliares com finalidades exclusivamente psicoeducativas, sem a participação dos pacientes identificados. Na avaliação final, a modalidade de atendimento multifamiliar revelou-se como positiva para o atendimento dos casos avaliados. CONCLUSÕES: A pesquisa demonstrou que esse tipo de abordagem, associado ao tratamento unifamiliar e individual, pode tornar-se uma ferramenta eficaz de tratamento para esses pacientes e suas famílias.INTRODUCTION: This article is the result of the systematic experience of the authors with multifamily group therapy for patients with a diagnosis of eating disorders (anorexia nervosa, bulimia nervosa and not otherwise specified eating disorders and their families. Sessions are held at a public hospital in the municipality of Porto Alegre, southern Brazil. METHOD: Video recordings of four multifamily group therapy sessions were qualitatively assessed using the content analysis technique. RESULTS: References to similar multifamily group therapy programs were not found in the literature review; rather, only some reports of multifamily group sessions with exclusively psychoeducational purposes were retrieved, however not including direct patient participation. At the final evaluation, multifamily group therapy was considered to have positive therapeutic

  11. Abordagem psicodinâmica no tratamento dos transtornos alimentares Psychodynamic approach on treatment of eating disorders

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Soraia Bento Gorgati

    2002-12-01

    Full Text Available O presente artigo apresenta uma revisão sobre a abordagem psicodinâmica no tratamento de anorexia nervosa e bulimia nervosa. Primeiramente conceitua as bases teóricas da modalidade terapêutica em questão. Logo a seguir, descreve suas indicações e contra-indicações e realiza uma revisão dos estudos sobre a eficácia da técnica psicodinâmica nessas síndromes clínicas. Por fim, destaca e discute vários aspectos técnicos da psicoterapia psicodinâmica no tratamento de pacientes com transtornos alimentares.The authors underwent a review of psychodinamic psychotherapy in the treatment of anorexia nervosa e bulimia nervosa. First, they defined the conceptual framework of this therapeutical approach. Then, they described the indications and contraindications and, also they discussed the studies about the efficacy of this psychotherapeutic intervention on this syndromes. At last, they pointed out and discussed many psychotherapeutical technical aspects in the treatment of patients with eating disorders.

  12. Psicoterapia como estratégia de tratamento dos transtornos alimentares: análise crítica do conhecimento produzido

    OpenAIRE

    SCORSOLINI-COMIN, Fabio; Santos,Manoel Antônio dos

    2012-01-01

    O objetivo deste estudo foi empreender uma análise crítica acerca do conhecimento científico produzido sobre a utilização das psicoterapias como estratégia de tratamento dos transtornos alimentares. A partir de buscas nas bases PsycINFO, PePSIC e SciELO, no período entre 1999 e 2011, foram recuperados 35 artigos, categorizados em: psicoterapias breves, grupais, psicodinâmicas, complementares, bem como psicoterapias aliadas a outros tratamentos, como o psicofarmacológico. As abordagens mais fr...

  13. Conhecimentos e necessidades dos professores em relação aos transtornos do espectro autístico

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Natalia Caroline Favoretto

    2014-03-01

    Full Text Available De acordo às normativas do Ministério da Educação, indivíduos com deficiência e necessidades educacionais especiais devem frequentar classes regulares visando à inclusão destes no sistema educacional. Portanto, é de extrema relevância que o professor seja sempre capacitado a atender as demandas de seus alunos no que tange aos processos de aprendizagem. Este estudo faz parte de um projeto maior com objetivo de utilizar recursos de teleducação como estratégia de ação para prover informações aos professores do ensino infantil visando à inclusão de crianças com Transtornos do Espectro Autístico (TEA na rede regular de ensino. Este trabalho constou da aplicação e análise de um questionário, realizado com 38 professores de ensino infantil da rede pública municipal de Bauru para investigar as experiências dos professores em relação aos TEA e necessidades de conteúdos sobre a temática. De posse a este conhecimento, foram organizados conteúdos programáticos para elaboração um curso de difusão de conhecimentos que será desenvolvido em uma próxima etapa. Os resultados evidenciaram que a inclusão escolar está em processo de crescimento, porém com professores carentes por informações. Com o estudo, foi possível obter uma maior integração entre a comunidade fonoaudiológica e pedagógica, favorecendo a elaboração do conteúdo de um curso de difusão para os professores que vise à inclusão dos alunos com TEA na rede regular de ensino.

  14. Prevalência e determinantes precoces dos transtornos mentais comuns na coorte de nascimentos de 1982, Pelotas, RS

    OpenAIRE

    Luciana Anselmi; Barros, Fernando C.; Minten, Gicele C; Gigante, Denise P.; Horta,Bernardo L.; Victora, Cesar G

    2008-01-01

    OBJETIVO: Estimar a prevalência de transtornos mentais comuns e sua associação com fatores de risco numa coorte de adultos jovens. MÉTODOS: Estudo transversal aninhado à coorte de nascimentos de 1982 de Pelotas, RS. Em 2004-5, 4.297 indivíduos foram entrevistados em visita domiciliar. A probabilidade de transtornos mentais comuns foi estimada pelo Self-Report Questionnaire. Os fatores de risco incluíram variáveis socioeconômicas, demográficas, perinatais e ambientais. A análise foi estratific...

  15. "A querela dos direitos": loucos, doentes mentais e portadores de transtornos e sofrimentos mentais

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rafael De Tilio

    2007-08-01

    Full Text Available Implementar e garantir direitos básicos aos portadores de sofrimento mental são necessidades que a reforma psiquiátrica exigiu. Mas, se em tese estes são considerados sujeitos-de-direito, os códigos legislativos brasileiros ainda os qualificam como incapazes e periculosos. Pretendeu-se, através de leituras da produção científica da área, destacar concepções e práticas sobre a loucura desde a Antigüidade até os atuais conflitos entre as concepções reformistas e os Códigos Civil e Penal brasileiros. Como conclusão atenta-se à necessidade de se formarem profissionais cientes desses conflitos e dispostos a lutar pela reestruturação dos códigos e das práticas como maneira de efetivar os direitos desses cidadãos.

  16. Rejuvenecimiento periorbitario no invasivo

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    J. L. Muñóz del Olmo

    Full Text Available Cirujanos plásticos y médicos estéticos se esfuerzan por lograr resultados satisfactorios y estéticos que mejoren o suavicen el paso del tiempo a nivel facial, con un especial interés o énfasis en el área periorbitaria. Un gran número de pacientes consultan para mejorar esta zona, pero por diferentes motivos desean que los procedimientos que se les realicen sean poco invasivos y con resultados rápidos, permitiéndoles así incorporarse lo antes posible a sus actividades cotidianas. Es fundamental el conocimiento de las proporciones faciales y periorbitarias para lograr resultados naturales. El objetivo de la técnica que proponemos es lograr una bioestimulación local de la piel, restaurar los volúmenes y reducir las arrugas de expresión o dinámicas, consiguiendo así una apariencia relajada y juvenil en el paciente.

  17. Transtornos alimentares: o papel dos aspectos culturais no mundo contemporâneo Transtornos alimentarios: el papel de los aspectos culturales en el mundo contemporáneo Eating disorders: the role of cultural aspects in the contemporary world

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Leticia Langlois Oliveira

    2010-09-01

    Full Text Available Os transtornos alimentares são patologias caracterizadas primordialmente pelo medo mórbido de engordar. Vários são os fatores envolvidos tanto na etiologia quanto na manutenção e na gravidade dessas doenças, principalmente fatores individuais, familiares e culturais. Em relação a estes últimos, salienta-se o papel dos aspectos históricos, estéticos, midiáticos, transculturais, socioeconômicos, raciais e de gênero. Pesquisas atuais realizadas em diversas culturas demonstram a existência de uma relação entre esses fatores e os índices de anorexia nervosa e bulimia nervosa. A busca por um padrão estético globalizado (magreza, segundo a literatura, tem um papel central no aumento do número de casos. O objetivo deste artigo é apresentar uma discussão teórica acerca dos aspectos culturais envolvidos no aumento do número de casos de transtornos alimentares. Este trabalho pretende também destacar a necessidade de que profissionais de diversas áreas estejam atentos para os perigos do padrão de beleza atual, a fim de potencializar intervenções preventivas.Los transtornos alimentarios son patologías caracterizadas primordialmente por el miedo mórbido de engordar. Varios son los factores involucrados ya sea en la etiología cuanto en la manutención y en la gravedad de esas enfermidades: individuales, familiares y culturales. Con relación a esos últimos, se resalta el papel de los aspectos históricos, estéticos, midiáticos, transculturales, socio económicos, raciales y de género. Investigaciones actuales realizadas en diferentes culturas muestran la existencia de una relación entre esos factores y los índices de anorexia nervosa y bulimia nervosa. El objetivo de ese artículo es presentar una discusión a cerca de los aspectos culturales involucrados en el aumento del número de casos de transtornos alimentarios. Ese trabajo pretende también destacar la necesidad de que profesionistas de diversas áreas estean

  18. Epidemiologia, curso e evolução dos transtornos alimentares Epidemiology, course and evolution of eating disorders

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Vanessa Pinzon

    2004-01-01

    Full Text Available Os transtornos alimentares costumam afetar mulheres jovens e ter curso crônico, variável e com alto grau de morbidade e mortalidade. Este artigo visa a apresentar os dados que suportam tais impressões clínicas.Eating disorders use to affect young women and have a chronic and variable course, with high levels of morbidity and mortality. The objective of this article is to demonstrate the epidemiological findings that support such clinical impressions.

  19. A evolução histórica dos conceitos de transtorno de humor e transtorno de personalidade: problemas no diagnóstico diferencial Historical evolution of mood disorders and personality disorders concepts: difficulties in the differential diagnostic

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rodolfo Nunes Campos

    2010-01-01

    Full Text Available CONTEXTO: Os conceitos de transtornos de humor e de personalidade sofreram diversas mudanças nas últimas décadas. Historicamente, esses conceitos foram construídos em paralelo, isto é, transtornos de humor e personalidade são considerados como transtornos independentes em relação ao diagnóstico, ao prognóstico e ao tratamento. Recentemente, entretanto, novas propostas na conceituação nosológica desses transtornos levantaram a questão de uma possível sobreposição dessas entidades, tornando o diagnóstico diferencial entre esses transtornos muitas vezes difícil. OBJETIVOS: Realizar uma revisão de literatura sobre a evolução dos conceitos de transtorno de humor e personalidade sob uma perspectiva histórica, focando em publicações relacionadas ao diagnóstico. MÉTODO: Revisão compreensiva da literatura utilizando o banco de dados MEDLINE (1990-2007. RESULTADOS: Ao contrário do conceito de transtorno de humor, que se apresenta estável e relativamente sem modificações desde suas primeiras descrições, o conceito de transtorno de personalidade mostra considerável variação ao longo dos diferentes achados de literatura. Assim, ambos os grupos de transtornos têm sido conceituados tanto categorial como dimensionalmente. Esta última abordagem pode ser, em parte, responsável pelas dificuldades algumas vezes encontradas no diagnóstico diferencial desses transtornos. CONCLUSÃO: O diagnóstico diferencial entre transtornos de humor e personalidade ainda representa um sério problema na prática clínica e não pode ser completamente esclarecido com base nas evidências disponíveis. O melhor entendimento da base fisiopatológica desses transtornos, bem como a identificação mais precisa de seus marcadores biológicos, pode ajudar a redefinir seus conceitos e seus status nosológicos atuais.BACKGROUND: The concepts of mood and personality disorders have faced countless changes over the last decades. Historically, these

  20. What pharmacology teaches us about the pathophysiology of obsessive-compulsive disorder O que a farmacologia ensina sobre a fisiopatologia dos transtornos obsessivo-compulsivos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Donatella Marazziti

    2000-12-01

    Full Text Available Once considered rare and resistant to treatments, obsessive-compulsive disorders (OCD has now emerged as one the most common psychiatric conditions, with a lifetime prevalence of about 2.5 %, and as a major cause of long-term disability to patients and their families. The treatment of OCD has changed dramatically over the last decade following the introduction of selective serotonin (5-HT reuptake inhibitors (SSRIs, such as fluoxetine, fluvoxamine, paroxetine, sertraline, citalopram, which provide symptom remission in about 60% of the patients. OCD is unique in the response to serotonergic agents and it has been clearly demonstrated that non-serotonergic antidepressants such as desipramine have no effect. The specific response of OCD patients to SSRIs has emphasized the possible role of the main target of these drugs, namely the 5-HT system, in the pathophysiology of the disorder. If the role of 5-HT in OCD is not questionable, future studies should be directed towards the elucidation of the 5-HT receptor subtypes involved, of the second messengers transducing the signal, as well as of the interactions between 5-HT and the other neurotransmitters.Antes considerado de ocorrência rara e resistente ao tratamento, o transtorno obsessivo-compulsivo (TOC é atualmente um dos problemas mais comuns em psiquiatria, com uma prevalência de cerca de 2,5%, e uma das principais causas de incapacidade a longo prazo tanto para pacientes como para suas famílias. Na última década, o tratamento do TOC conheceu mudanças drásticas com a introdução dos inibidores seletivos de captação de serotonina (ISCS, tais como fluoxetina, fluvoxamina, paroxetina, sertralina e citalopram, que proporcionam remissão dos sintomas em cerca de 60% dos pacientes. O TOC responde de forma singular aos agentes serotoninérgicos, mas tal efeito não ocorre quando são usados antidepressivos não-serotoninérgicos, como a desipramina, como foi bem demonstrado. A resposta espec

  1. A educação dos filhos com Transtorno de Déficit de Atenção e Hiperatividade: o que fazer?

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Letícia Hoffmann Kunrath

    2006-12-01

    Full Text Available Atualmente, o Transtorno de Déficit de Atenção/Hiperatividade(TDA/H é um dos distúrbios mais comuns apresentados nainfância. Na pesquisa sobre esse assunto, a grande maioria dostrabalhos encontrados se refere às dificuldades e ao estresse dasfamílias, pois o relacionamento entre pais e filhos apresenta-se deforma mais conflituosa que o comum. Este estudo se propôs aestudar os pais de crianças em idade escolar com o diagnóstico deTDA/H, com o objetivo de identificar os tipos de estratégiaseducativas das quais eles fazem uso e quais consideram mais eficazesna orientação e educação dos filhos, bem como as estratégias maisutilizadas. Para tal, foi realizada a técnica do grupo focal, eentrevistas individuais. No tratamento dos dados, foi utilizada aanálise de conteúdo, conforme Olabuénega (1999, partindo dosseguintes eixos temáticos previamente estabelecidos a partir daliteratura existente: descrição da parentalidade; dificuldadeseducativas dos TDA/H; estratégias educativas utilizadas; eficáciadas estratégias. Os resultados mostraram que as estratégias utilizadassão: negociação, bater, castigo, chantagem e a tomada deconsciência, como as mais usadas pelos pais.

  2. Neuropsicologia dos transtornos alimentares: revisão sistemática da literatura Neuropsychology of eating disorders: a systematic review of the literature

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Monica Duchesne

    2004-06-01

    Full Text Available ANTECEDENTES: A etiologia dos transtornos alimentares (TA ainda não se encontra estabelecida. Dentre os diversos fatores envolvidos, a hipótese de uma disfunção do sistema nervoso central tem sido explorada de diversas maneiras. Assim, a avaliação neuropsicológica de pacientes com TA tem por finalidade investigar a ocorrência de déficits cognitivos associados a estas patologias. OBJETIVOS: O objetivo deste artigo é avaliar o estado atual das investigações sobre a avaliação neuropsicológica em pacientes com TA. MÉTODOS: Foi realizada uma pesquisa bibliográfica - utilizando as seguintes bases de dados como estratégias de procura: MedLINE, PsychoINFO, LILACS e Cochrane Data Bank -, procurando artigos relacionados ao tema e publicados até o ano de 2004. RESULTADOS: A anorexia nervosa é o transtorno alimentar que conta com mais estudos neuropsicológicos e, de uma forma geral, os resultados apontam para déficits de atenção, déficits viso-espaciais e de viso-construção. Na bulimia nervosa, as alterações mais encontradas são déficits de atenção seletiva e das funções executivas. O transtorno da compulsão alimentar periódica ainda não conta com estudos neuropsicológicos até o momento. Após um tratamento bem-sucedido do transtorno alimentar, embora haja uma diminuição dos déficits cognitivos, algumas alterações cognitivas parecem persistir. CONCLUSÕES: Os transtornos alimentares parecem estar associados a algum grau de disfunção neuropsicológica, muito embora as funções específicas que se apresentam deficitárias variem entre os estudos encontrados, talvez em decorrência de variações metodológicas. O fato de que, após o tratamento, alguns pacientes apresentem uma melhora no funcionamento cognitivo poderia indicar que, em alguns casos, os déficits seriam funcionais. A ausência de melhora no funcionamento cognitivo de alguns pacientes, após diversas formas de intervenção, pode sugerir que estes

  3. Diagnóstico prenatal genético no invasivo: reflexión bioética sobre la utilización del diagnóstico prenatal no invasivo a partir del análisis de ácidos nucleídos presentes en sangre periférica materna

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fermín J. González-Melado

    2011-01-01

    Full Text Available La utilización de técnicas de análisis de ácidos nucleicos fetales presentes en sangre periférica materna, para la elaboración del diagnóstico prenatal genético no invasivo, es un hecho en la práctica clínica en el caso de determinadas enfermedades. En los próximos años entrará a formar parte de la rutina de control diagnóstico fetal. El presente trabajo pretende analizar la situación actual de estas técnicas así como los principales problemas éticos que se derivan de la relación entre diagnóstico prenatal no invasivo y aborto eugenésico y los problemas específicos que plantea el diagnóstico prenatal genético no invasivo a partir del uso de ácidos nucleicos presentes en sangre periférica materna. Entre las conclusiones obtenidas destacan las siguientes: hacemos una valoración ética positiva del uso de la técnica cuando esté dirigida a las mujeres embarazadas que estén en una situación de alto riesgo, definido sobre la base de criterios médicos y deontológicos, sin poner en peligro la integridad del feto; una valoración ética negativa cuando el diagnostico prenatal genético no invasivo conlleve una finalidad eugenésica y se establezca una conexión entre diagnóstico prenatal y aborto eugenésico en caso de un resultado positivo. El diagnóstico prenatal no invasivo reforzará la imagen de la persona con discapacidad como un individuo a excluir de la sociedad. La utilización masiva de este tipo de diagnóstico prenatal disminuirá la autonomía de la mujer/pareja a la hora de la toma de decisiones. Las autoridades sanitarias podrán utilizar el diagnóstico prenatal genético no invasivo como medio de «prevención» de enfermedades genéticas al producirse un abaratamiento de los costes, un aumento en el número de fetos con malformación detectados y una disminución del número de abortos indirectos que producían las técnicas invasivas.

  4. Avaliação da sensibilidade e especificidade dos exames não invasivos no diagnóstico da estenose de artéria renal

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Flavio Antonio de Oliveira Borelli

    2013-11-01

    Full Text Available FUNDAMENTO: O envelhecimento e a aterosclerose estão relacionados à hipertensão renovascular em indivíduos idosos. Independentemente das comorbidades, a estenose de artéria renal é, por si só, importante causa de morbidade e mortalidade cardiovascular. OBJETIVO: Definir a sensibilidade, a especificidade, o valor preditivo positivo e o valor preditivo negativo dos exames não invasivos utilizados no diagnóstico de estenose da artéria renal. MÉTODOS: Um grupo de 61 pacientes recrutados permitiram a análise de 122 artérias e a definição de sensibilidade, especificidade e da contribuição relativa de cada exame realizado (Doppler, cintilografia e angiotomografia, comparados a arteriografia renal. RESULTADOS: A média das idades foi de 65,43 (desvio padrão: 8,7 anos. Das variáveis relacionadas à população do estudo e comparadas à arteriografia, duas estiveram correlacionadas à estenose da artéria renal, à disfunção renal e aos triglicerídeos. A mediana do ritmo de filtração glomerular foi de 52,8 mL/min/m². O Doppler identificou sensibilidade de 82,90%, especificidade de 70%, valor preditivo positivo de 85% e valor preditivo negativo de 66,70%. Para a tomografia, encontraram-se sensibilidade de 66,70%, especificidade de 80%, valor preditivo positivo de 87,50% e valor preditivo negativo de 55,20%. Esses achados permitiram identificar os exames que melhor detectavam a estenose. CONCLUSÃO: A tomografia e o Doppler mostraram qualidade e grande possibilidade no diagnóstico de estenose da artéria renal, com vantagem para o segundo, pois não há necessidade do uso de meio de contraste na avaliação de uma doença que, frequentemente, ocorre em diabéticos e associa-se à disfunção renal e à disfunção ventricular esquerda grave.

  5. ESTUDO DO CONHECIMENTO CLÍNICO DOS PROFISSIONAIS DA FISIOTERAPIA NO TRATAMENTO DE CRIANÇAS AUTISTAS

    OpenAIRE

    Segura, Dora de Castro Agulhon; Nascimento, Fabiano Carlos do; Klein, Daniele

    2012-01-01

    O autismo compõe a categoria dos transtornos invasivos do desenvolvimento, inclui prejuízos na interação social, na comunicação, padrões restritivos e repetitivos de comportamento, interesses e atividades. É de suma importância o profissional atuante com a criança autista, ser um bom conhecedor da patologia e de suas técnicas terapêuticas. Muito se fala, na atualidade, sobre a função da fisioterapi...

  6. Pathophysiology of mood disorders in temporal lobe epilepsy Fisiopatologia dos transtornos de humor na epilepsia do lobo temporal

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ludmyla Kandratavicius

    2012-10-01

    nossa compreensão sobre a associação entre ELT e transtornos de humor. CONCLUSÕES: A ELT e os sintomas psiquiátricos coexistem numa frequência muito maior do que o acaso poderia sugerir. Alterações e desregulação de redes anatômicas essenciais, além de mudanças plásticas aberrantes ou deficientes, podem predispor o cérebro de pacientes com ELT a transtornos de humor. Estudos experimentais e clínicos sobre o efeito das crises no comportamento e nos padrões eletrofisiológicos podem oferecer um modelo de como as crises límbicas aumentam a vulnerabilidade a sintomas psiquiátricos em pacientes com ELT.

  7. The involvement of the orbitofrontal cortex in psychiatric disorders: an update of neuroimaging findings O envolvimento do cortex orbitofrontal em transtornos psiquiátricos: uma atualização dos achados de neuroimagens

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Andrea Parolin Jackowski

    2012-06-01

    Full Text Available OBJECTIVE: To report structural and functional neuroimaging studies exploring the potential role of the orbitofrontal cortex (OFC in the pathophysiology of the most prevalent psychiatric disorders (PD. METHOD: A non-systematic literature review was conducted by means of MEDLINE using the following terms as parameters: "orbitofrontal cortex", "schizophrenia", "bipolar disorder", "major depression", "anxiety disorders", "personality disorders" and "drug addiction". The electronic search was done up to July 2011. DISCUSSION: Structural and functional OFC abnormalities have been reported in many PD, namely schizophrenia, mood disorders, anxiety disorders, personality disorders and drug addiction. Structural magnetic resonance imaging studies have reported reduced OFC volume in patients with schizophrenia, mood disorders, PTSD, panic disorder, cluster B personality disorders and drug addiction. Furthermore, functional magnetic resonance imaging studies using cognitive paradigms have shown impaired OFC activity in all PD listed above. CONCLUSION: Neuroimaging studies have observed an important OFC involvement in a number of PD. However, future studies are clearly needed to characterize the specific role of OFC on each PD as well as understanding its role in both normal and pathological behavior, mood regulation and cognitive functioning.OBJETIVO: Relatar estudos de neuroimagens estruturais e funcionais explorando o papel potencial do córtex orbitofrontal (COF na fisiopatologia dos transtornos psiquiátricos (TP mais prevalentes. MÉTODO: Foi realizada uma revisão não sistemática da literatura no MEDLINE, usando como parâmetros os seguintes termos: "córtex orbitofrontal", "esquizofrenia", "transtorno bipolar", "depressão maior", "transtornos ansiosos", "transtornos de personalidade" e "dependência a drogas". A pesquisa eletrônica foi feita até julho de 2011. DISCUSSÃO: Foram relatadas anormalidades estruturais e funcionais do COF em muitos

  8. Alteração dos níveis do fator neurotrófico derivado do cérebro (BDNF) no transtorno de estresse pós-traumático

    OpenAIRE

    Simone Hauck

    2010-01-01

    Introdução: A prevalência ao longo da vida do transtorno de estresse pós-traumático (TEPT) é estimada em 7-12%. O papel do fator neurotrófico derivado do cérebro (BDNF) nos processos de aprendizado, aquisição, consolidação e extinção da memória faz dele um candidato importante para a pesquisa dos fatores neurobiológicos subjacentes à patologia pós-traumática. Objetivo: Investigar os níveis do BDNF em pacientes com diagnóstico de transtorno de estresse agudo (TEA) e TEPT. Método: Um paciente c...

  9. Hospitalização integral para tratamento dos transtornos alimentares: a experiência de um serviço especializado

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Raphaela Fernanda Muniz Palma

    2013-01-01

    Full Text Available OBJETIVO: Descrever as características da hospitalização integral para o tratamento de transtornos alimentares em um serviço especializado de Ribeirão Preto, SP. MÉTODOS: Foram revisados todos os prontuários dos pacientes em seguimento pelo serviço, de 1982 até 2011, especialmente aqueles que tiveram indicação de internação integral. Foram coletados dados sociodemográficos e referentes ao diagnóstico. RESULTADOS: No período referido, 186 pacientes receberam atendimento pelo serviço e, desses, 44,6% (n = 83 foram internados para tratamento. Ao longo do tempo, houve redução na relação atendimento/internação, passando de 77,7% para 36,2% dos casos. A média de internações foi de 1,9 ± 3,9 vezes, e 73,5% (n = 61 dos pacientes foram hospitalizados apenas uma vez. A duração média da internação, independentemente do número de hospitalizações, foi de 70,6 ± 115,9 dias (variação de 3 a 804 dias. A predominância foi do sexo feminino, raça branca, solteira, sem filhos e com idade média de 23,3 ± 10,8 anos. O diagnóstico predominante foi de anorexia nervosa (85,5%, sobretudo em seu tipo restritivo (54,2%. As indicações mais frequentes para internação foram para realização de terapia nutricional (50,9%, seguida da investigação do quadro clínico (30,1% e por causa de depressão e/ou ideação suicida (10,9%. CONCLUSÃO: A hospitalização integral é uma modalidade terapêutica necessária para o tratamento desses quadros, e sua frequência foi considerada significativa, porém diminuiu ao longo do tempo. Esse resultado pode ser explicado pela tendência de desospitalização a partir da reforma psiquiátrica, do diagnóstico e tratamento mais precoces e da experiência adquirida pelos profissionais do serviço ao longo dos anos.

  10. Impacto dos transtornos depressivos e ansiosos sobre as manifestações da menopausa Impact of depressive and anxiety disorders over menopause manifestations

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Andre Barciela Veras

    2007-12-01

    Full Text Available OBJETIVO: Determinar, pela primeira vez, em uma amostra ambulatorial brasileira, o impacto dos diagnósticos psiquiátricos sobre os sintomas da menopausa presentes no índice de menopausa de Blatt-Kupperman (B-K. MÉTODOS: Avaliamos consecutivamente, através do instrumento diagnóstico estruturado MINI 4.4 e da entrevista psiquiátrica tradicional, mulheres (n = 86 em atendimento no ambulatório de menopausa do Instituto de Ginecologia da Universidade Federal do Rio de Janeiro. As pacientes incluídas no estudo (n = 48 foram avaliadas pela escala B-K até 6 meses antes ou depois da entrevista pelo MINI e divididas em dois grupos: o grupo com algum transtorno depressivo-ansioso (GTDA (n = 26 e o grupo-controle (GC (n = 22. RESULTADOS: O GTDA apresentou uma pontuação significativamente maior do que o GC na escala de B-K (22,6 versus 13,7. Entre os sintomas significativamente mais intensos no GTDA estão parestesia e melancolia. Além disso, observamos que as pacientes do GTDA queixavam-se de um maior número de sintomas do que as pacientes do GC (6,8 vs. 4,8. Entre os sintomas significativamente mais relatados no GTDA, estão parestesia, fraqueza e melancolia. CONCLUSÃO: Apesar da limitação da pequena amostra, pudemos observar o significativo viés dos transtornos depressivos e ansiosos sobre as pacientes em tratamento por queixas referentes à menopausa. Por esse motivo, o perfil sintomático de cada paciente deve ser sempre observado, evitando o ginecologista basear-se na intensidade global dos sintomas do B-K para decidir sobre o tratamento.OBJECTIVE: To establish for the first time in a Brazilian outpatient sample the impact of depressive and anxiety disorders over the symptoms of the Blatt-Kupperman menopausal index (B-K. METHODS: Women (n = 86 receiving care in the menopause clinic at Instituto de Ginecologia da Universidade Federal do Rio de Janeiro were consecutively assessed using a structured diagnostic instrument (MINI 4.4 and a

  11. Estudo epidemiológico dos sintomas do transtorno do déficit de atenção/hiperatividade e transtornos de comportamento em escolares da rede pública de Florianópolis usando a EDAH Epidemiological study on symptoms of Attention Deficit/Hyperactivity Disorder and Behavior Disorders in public schools of Florianopolis/SC using the EDAH

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Lisiane Schilling Poeta

    2004-09-01

    Full Text Available OBJETIVOS: O transtorno do déficit de atenção/hiperatividade (TDAH é uma patologia caracterizada por desatenção, hiperatividade e impulsividade. Este trabalho teve como objetivo realizar um estudo epidemiológico dos sintomas do transtorno do déficit de atenção e do transtorno de conduta em escolares da rede pública de Florianópolis usando a Escala para la evaluación del trastorno por déficit de atención con hiperatividad (EDAH. MÉTODOS: Fizeram parte do estudo 1.898 escolares (1.001 do sexo masculino e 897 do sexo feminino, matriculados em cinco escolas da rede pública de Florianópolis, de 1ª a 4ª série do ensino fundamental, com idades entre 6 e 12 anos. O instrumento utilizado foi a Escala de Farré e Narbona, preenchida pelos professores e pais, que classifica a criança com o predomínio dos sintomas de hiperatividade, déficit de atenção, transtorno de conduta,hiperatividade com déficit de atenção e TDAH associado com transtorno de conduta (global. RESULTADOS: Dentre os 1.898 escolares, 95 (5% apresentaram os sintomas do transtorno do déficit de atenção/hiperatividade associado ao transtorno de conduta. Em relação ao sexo, a freqüência foi maior nos meninos, na proporção de 3:1. CONCLUSÃO: Os dados encontrados nesta pesquisa corroboram os da literatura. A distribuição dos subtipos do TDAH por sexo é similar à informada na literatura.OBJECTIVE: attention deficit/hyperactivity disorder (ADHD is a pathology characterized by inattention, hyperactivity and impulsivity. The purpose of this article is to conduct an epidemiological study on symptoms of ADHA and behavior disorders in public schools of Florianopolis/SC. METHOD: The study involved 1.898 students (1.001 males and 897 females enrolled in five public schools of Florianópolis, from the 1st up to the 4th grades, aged 6 to 12. The instrument used was the EDAH, filled out by teachers and parents, which classifies children with predominance of the

  12. Uma revisão dos estudos latino-americanos sobre o transtorno da compulsão alimentar periódica A review of Latin American studies on binge eating disorder

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marly Amorim Palavras

    2011-05-01

    Full Text Available OBJETIVO: Revisar o estado de arte da literatura latino-americana sobre o transtorno da compulsão alimentar periódica. MÉTODO: Foi feita uma busca sobre estudos realizados em países latino-americanos usando-se o termo "binge eating", nas seguintes bases eletrônicas: PubMed, LILACS, SciELO e PsycINFO. O critério de inclusão foi selecionar estudos desenvolvidos com amostras latino-americanas que preencheram critérios parciais ou completos do transtorno da compulsão alimentar periódica pelo Manual Diagnóstico e Estatístico de Transtornos Mentais-4ª Edição. RESULTADOS: Foram rastreados 8.123 artigos e 30 preencheram o critério de inclusão (18 estudos de corte transversal, cinco ensaios clínicos, quatro relatos de casos, dois estudos de validade, um estudo de coorte. A maioria dos estudos foi conduzida no Brasil (27, um na Argentina, um na Colômbia e um na Venezuela. A prevalência de transtorno da compulsão alimentar periódica em obesos em programas para perda de peso esteve entre 16% e 51,6%. A comparação entre obesos com e sem transtorno da compulsão alimentar periódica mostrou uma maior tendência para peso mais alto, oscilação ponderal, preocupação com peso e forma corporal e associação com comorbidades psiquiátricas naqueles com transtorno da compulsão alimentar periódica. CONCLUSÃO: O transtorno da compulsão alimentar periódica mostra-se um fenômeno verificável na América Latina com características clínicas semelhantes às encontradas na literatura internacional. Esta revisão fornece subsídios para que o transtorno da compulsão alimentar periódica seja considerado uma categoria distinta de transtorno alimentar na Classificação Internacional de Doenças-11ª Edição.OBJECTIVE: To review the state of the art of the scientific literature on binge eating disorder in Latin America. METHOD: A literature search of studies conducted in Latin American countries using the term "binge eating" was performed

  13. Prevalence and clinical impact of eating disorders in bipolar patients Prevalência e impacto clínico dos transtornos alimentares sobre os pacientes bipolares

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Camila Seixas

    2012-03-01

    Full Text Available OBJECTIVES: To study the impact of eating disorders (EDs on the severity of bipolar disorder (BD. METHODS: The Structured Clinical Interview for DSM-IV Axis I (SCID-I, Young Mania Rating Scale (YMRS, Hamilton Depression Rating Scale (HAM-D-17, Hamilton Anxiety Rating Scale (HAM-A, Global Assessment of Functioning (GAF, Clinical Global Impression (CGI, and the World Health Organization Quality of Life Assessment (WHOQOL-BREF were used. Clinical and sociodemographic data were also collected. RESULTS: Among the 356 bipolar patients included in this study, 19 (5.3% were also diagnosed with ED. Of these, 57.9% had bulimia nervosa (BN and 42.1% had anorexia nervosa (AN. Among ED patients, 94.7% were female. Bipolar patients with EDs presented with lower scores in the mental health domain of the WHOQOL-BREF, higher scores of depressive symptoms, and more psychiatric comorbidities. CONCLUSIONS: ED comorbidities imposed important negative outcomes in bipolar patients. This finding suggests that attention should be given to the presence of EDs in BD patients and that better treatments focused on this population should be developed.OBJETIVO: Estudar a influência dos transtornos alimentares (TA na gravidade do transtorno bipolar (TB. MÉTODOS: Foram utilizadas a Entrevista Clínica Estruturada para o Eixo I do DSM-IV (SCID-I, a Escala de Young para Avaliação da Mania (YMRS, a Escala de Hamilton para Avaliação da Depressão (HAM-D-17, a Escala de Hamilton para Avaliação da Ansiedade (HAM-A, a Avaliação do Funcionamento Global (GAF e a Escala Breve de Avaliação da Qualidade de Vida da Organização Mundial da Saúde (WHOQOL-BREF. Os dados clínicos e sociodemográficos também foram coletados. RESULTADOS: Entre os 355 pacientes com TB incluídos neste estudo, 19 (5,3% também foram diagnosticados como portadores de TA. Destes, 57,9% tinham bulimia nervosa (BN e 42,1% anorexia nervosa (AN. Dentre os pacientes com TA, 94,7% eram do gênero feminino

  14. Análise dos resultados maternos e fetais dos procedimentos invasivos genéticos fetais: um estudo exploratório em Hospital Universitário Analysis of fetal and maternal results from fetal genetic invasive procedures: an exploratory study at a University Hospital

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Mario Kohatsu

    2012-12-01

    Full Text Available OBJETIVO: Caracterizar as indicações das gestantes que procuraram o serviço de Medicina Fetal do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo para realização de procedimentos invasivos diagnósticos e avaliar os resultados dos cariótipos fetais e de suas gestações. MÉTODOS: Estudo observacional retrospectivo das gestantes que realizaram biópsia de vilo corial (BVC, amniocentese e cordocentese no período de fevereiro de 2005 a dezembro de 2009. Não foram incluídos outros procedimentos diagnósticos ou procedimentos terapêuticos. O resultado da gestação foi obtido através de consulta de prontuário eletrônico e/ou físico e/ou contato telefônico. RESULTADOS: Foram realizados 713 procedimentos (113 BVC, 340 amniocenteses e 260 cordocenteses. A principal indicação para a realização dos procedimentos invasivos foi a presença de alterações estruturais nos fetos, seguido por valores aumentados da translucência nucal e pela idade materna avançada. O cariótipo fetal esteve alterado em 186 casos (26,1%. A trissomia do cromossomo 18 foi a aneuploidia mais comum, seguida pela trissomia do 21, a monossomia do X e a trissomia do cromossomo 13. Ocorreram 4,9% de abortamento, 25,7% de natimortos e 13% de neomortos. Oito gestantes optaram pela interrupção judicial, e 99% das gestantes cujos fetos não apresentavam malformação e que apresentavam cariótipo fetal normal tiveram nativivos.OBJECTIVE: To characterize the indications of pregnant women who sought the Fetal Medicine Services of the Hospital das Clínicas, at the Medical School of the Universidade de São Paulo for performing invasive diagnostic procedures, and to evaluate the results of fetal karyotypes and their pregnancies. METHODS: A retrospective and observational study on pregnant women who underwent chorionic villus sampling (CVS, amniocentesis, and cordocentesis in the period from February, 2005 to December, 2009. Other diagnostic

  15. A síndrome de Charles Bonnet e o problema dos transtornos de percepção visual nos idosos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    German E. Berrios

    2011-09-01

    Full Text Available A literatura, clássica ou recente, sobre os transtornos de percepção nos idosos é revisada. A utilidade do conceito de Síndrome de Charles Bonnet, um epônimo originalmente proposto para descrever as alucinações visuais nos idosos na ausência de prejuízos cognitivos e de oftalmopatia periférica é contestada, principalmente devido à síndrome ter sido progressivamente ampliada. Descrevemos três casos representativos de pacientes idosos que desenvolveram diferentes tipos de transtornos de percepção visual. Propomos a condução de estudos sistemáticos da frequência de tais transtornos nos idosos e de quais outras patologias, particularmente cognitivas e visuais que possam estar associadas a eles.

  16. Structural magnetic ressonance imaging in anxiety disorders: an update of research findings Ressonância magnética estrutural em transtornos de ansiedade: atualização dos achados de pesquisa

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria Cecília Freitas Ferrari

    2008-09-01

    Full Text Available OBJECTIVE: The aim of the present report is to present a systematic and critical review of the more recent literature data about structural abnormalities detected by magnetic ressonance in anxiety disorders. METHOD: A review of the literature in the last five years was conducted by a search of the Medline, Lilacs and SciELO indexing services using the following key words: "anxiety", "panic", "agoraphobia", "social anxiety", "posttraumatic" and "obsessive-compulsive", crossed one by one with "magnetic resonance", "voxel-based", "ROI" and "morphometry". RESULTS: We selected 134 articles and 41 of them were included in our review. Recent studies have shown significant morphological abnormalities in various brain regions of patients with anxiety disorders and healthy controls. Despite some apparently contradictory findings, perhaps reflecting the variability and limitations of the methodologies used, certain brain regions appear to be altered in a consistent and relatively specific manner in some anxiety disorders. These include the hippocampus and the anterior cingulate cortex in posttraumatic stress disorder and the orbitofrontal cortex in obsessive-compulsive disorder. CONCLUSIONS: The present review indicates that structural neuroimaging has contributed to a better understanding of the neurobiology of anxiety disorders. Further development of neuroimaging techniques, better sample standardization and the integration of data across neuroimaging modalities may extend progress in this area.OBJETIVO: Apresentar uma revisão sistemática e crítica dos achados mais recentes da literatura em relação a alterações estruturais avaliados por ressonância magnética nos transtornos de ansiedade. MÉTODO: Uma revisão da literatura dos últimos cinco anos foi realizada utilizando uma busca nos indexadores Medline, Lilacs e SciELO utilizando as seguintes palavras-chave: "anxiety", "panic", "agoraphobia", "social anxiety", "posttraumatic" e "obsessive

  17. Transtornos parafílicos em pacientes com transtorno obsessivo-compulsivo: série de casos

    OpenAIRE

    Borges,Manuela C.; Ordacgi, Lídia; Garcia,Rafael F.; Nazar,Bruno P.; Leonardo F Fontenelle

    2007-01-01

    Com o intuito de elucidar a relação entre transtornos do controle de impulsos (TCI) e transtorno obsessivo-compulsivo (TOC), faz-se mister estudar subgrupos mais clinicamente homogêneos de transtornos impulsivos. Por meio do relato de quatro casos de pacientes com TOC e diferentes tipos de transtornos parafílicos (fetichismo transvético, sadismo, ginandromorfofilia e exibicionismo), são discutidos os conceitos de compulsividade, impulsividade e a relação temporal entre ambos. O estudo dos cas...

  18. Transtornos parafílicos em pacientes com transtorno obsessivo-compulsivo: série de casos

    OpenAIRE

    Borges,Manuela C.; Lídia Ordacgi; Garcia,Rafael F.; Nazar,Bruno P.; Fontenelle, Leonardo F.

    2007-01-01

    Com o intuito de elucidar a relação entre transtornos do controle de impulsos (TCI) e transtorno obsessivo-compulsivo (TOC), faz-se mister estudar subgrupos mais clinicamente homogêneos de transtornos impulsivos. Por meio do relato de quatro casos de pacientes com TOC e diferentes tipos de transtornos parafílicos (fetichismo transvético, sadismo, ginandromorfofilia e exibicionismo), são discutidos os conceitos de compulsividade, impulsividade e a relação temporal entre ambos. O estudo dos cas...

  19. Etiologia dos transtornos alimentares: aspectos biológicos, psicológicos e sócio-culturais Etiology of eating disorders: biological, psychological and sociocultural determinants

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Christina M Morgan

    2002-12-01

    Full Text Available Os transtornos alimentares possuem uma etiologia multifatorial, composta de predisposições genéticas, socioculturais e vulnerabilidades biológicas e psicológicas. Entre os fatores predisponentes, destacam-se a história de transtorno alimentar e (ou transtorno do humor na família, os padrões de interação presentes no ambiente familiar, o contexto sociocultural, caracterizado pela extrema valorização do corpo magro, disfunções no metabolismo das monoaminas centrais e traços de personalidade. A dieta é o comportamento precursor que geralmente antecede a instalação de um transtorno alimentar. Contudo, a presença isolada da dieta não é suficiente para desencadear o transtorno alimentar, tornando-se necessária uma interação entre os fatores de risco e outros eventos precipitantes. Por último, o curso transitório ou crônico de um transtorno alimentar está relacionado à persistência de distorções cognitivas, à ocorrência de eventos vitais significativos e a alterações secundárias ao estado de desnutrição.Eating disorders have a multifactorial etiology, composed by genetic predisposition, sociocultural factors, and biological and psychological vulnerabilities. Among the predisposing factors, emphasis is given to a history of eating and/or mood disorders, personality traits, patterns of family interaction, alterations in brain monoamines and sociocultural overvalued drive for thinness. Dieting is the most frequently event present at the onset of an eating disorder. Nevertheless, dieting itself is not sufficient to precipitate an eating disorder. An interaction among risk factors and other precipitating events is necessary. Finally, the chronic or transitory course of an eating disorder is related to the persistence of distorted cognitions, to the occurrence of significant vital events, and to starvation-induced psychobiological alterations.

  20. Diretrizes da World Federation of Societies of Biological Psychiatry (WFSBP para tratamento biológico de transtornos depressivos unipolares, 2ª parte: tratamento de manutenção do transtorno depressivo maior e tratamento dos transtornos depressivos crônicos e das depressões subliminares World Federation of Societies of Biological Psychiatry (WFSBP Guidelines for biological treatment of unipolar depressive disorders, part 2: maintenance treatment of major depressive disorder and treatment of chronic depressive disorders and subthreshold depressions

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Michael Bauer

    2009-01-01

    Full Text Available Estas diretrizes práticas para o tratamento biológico de transtornos depressivos unipolares foram desenvolvidas por uma Força-Tarefa internacional da Federação Mundial de Sociedades de Psiquiatria Biológica (WFSBP. O objetivo ao desenvolver tais diretrizes foi rever sistematicamente todas as evidências existentes referentes ao tratamento de transtornos depressivos unipolares e produzir uma série de recomendações práticas com significado clínico e científico, baseadas nas evidências existentes. Têm como objetivo seu uso por todos os médicos que atendam e tratem pacientes com essas afecções. Os dados usados para o desenvolvimento das diretrizes foram extraídos primariamente de várias diretrizes e painéis nacionais de tratamento para transtornos depressivos, bem como de metanálises e revisões sobre a eficácia dos antidepressivos e outras intervenções de tratamento biológico identificadas por uma busca no banco de dados MEDLINE e Cochrane Library. A literatura identificada foi avaliada quanto à força das evidências sobre sua eficácia e, então, categorizada em quatro níveis de evidências (A a D. Esta primeira parte das diretrizes abrange definição, classificação, epidemiologia e evolução dos transtornos depressivos unipolares, bem como tratamento das fases aguda e de manutenção. As diretrizes se referem primariamente ao tratamento biológico (incluindo antidepressivos, outros medicamentos psicofarmacológicos e hormonais, eletroconvulsoterapia, fototerapia, estratégias terapêuticas complementares e novas de adultos jovens e também, embora em menor grau, de crianças, adolescentes e adultos idosos.These practice guidelines for the biological treatment of unipolar depressive disorders were developed by an international Task Force of the World Federation of Societies of Biological Psychiatry (WFSBP. The goal for developing these guidelines was to systematically review all available evidence pertaining to the

  1. Plantas medicinais no tratamento do transtorno de ansiedade generalizada: uma revisão dos estudos clínicos controlados Medicinal plants for the treatment of generalized anxiety disorder: a review of controlled clinical studies

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Thalita Thais Faustino

    2010-12-01

    Full Text Available OBJETIVO: Revisar os estudos clínicos controlados sobre a efetividade de plantas medicinais/fitoterápicos no transtorno de ansiedade generalizada. MÉTODO: Realizou-se uma busca (Medline, Web of Science, SciELO, Biblioteca Cochrane por artigos originais utilizando as palavras ["plant OR phytomed* OR extract OR herbal OR medicinal (OR specific name plants"] AND ("anxie* OR anxioly* OR tranquil* OR GAD", delimitada a "human OR clinical trial OR randomized controlled trial OR meta-analysis OR review" e à língua inglesa. Os critérios de inclusão foram: estudos randomizados, comparativos e duplo-cegos. RESULTADOS: Foram selecionados sete dos 267 artigos encontrados. O Piper methysticum (kava-kava foi o fitoterápico mais estudado, sendo sugerido um efeito ansiolítico. Entretanto, a maioria destes estudos incluiu outros transtornos de ansiedade e os dois estudos com transtorno de ansiedade generalizada apresentaram resultados contraditórios. Estudos isolados envolvendo Ginkgo biloba, Galphimia glauca, Matricaria recutita (camomila, Passiflora incarnata e Valeriana officinalis indicaram potencial efeito ansiolítico no transtorno de ansiedade generalizada. A Ginkgo biloba e a Matricaria recutita apresentaram um effect size ('d' de Cohen = 0,47 e 0,87 similar ou superior ao dos ansiolíticos atuais (0,17-0,38. Não foram localizados estudos com outras plantas. CONCLUSÃO: Apesar do potencial terapêutico dos fitoterápicos no transtorno de ansiedade generalizada, poucos ensaios clínicos controlados foram identificados, com a maioria apresentando limitações metodológicas.OBJECTIVE: This work aimed to identify controlled trials, which evaluated effectiveness of herbal medicines in subjects suffering generalized anxiety disorder. METHOD: Controlled studies (randomized, comparative with placebo and/or standard drug, double-blind were sought through electronic and hand-searches. The word strategy used "plant OR phytomed* OR extract OR herbal OR

  2. Medida da pressão venosa na perna por metodo não invasivo

    OpenAIRE

    Fabio Haddad Marcelino de Almeida

    2003-01-01

    Resumo: o método considerado padrão ouro para a medida da pressão venosa dos membros inferiores, é o método invasivo, onde a veia é puncionada no dorso do pé e o estudo das pressões é realizado durante o exercício. A partir de 1980, com a introdução dos exames de duplex scan, da pletismografia e da fotopletismografia, devido à facilidade de reprodução, baixo custo e por não serem invasivos, facilitaram bastante o estudo da função valvular venosa dos membros inferiores, mas, o estudo da pressã...

  3. Grupo psicoeducativo multifamiliar no tratamento dos transtornos alimentares na adolescência Grupo psicoeducativo multifamiliar y tratamiento de adolescentes con trastornos de la conducta alimentaria Multifamily psycho-educational group and treatment of adolescents with eating disorders

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Manoela Nicoletti

    2010-03-01

    Full Text Available A proposta deste artigo é apresentar o grupo psicoeducativo multifamiliar do ambulatório do Programa de Atendimento, Ensino e Pesquisa em Transtornos Alimentares da Infância e Adolescência - PROTAD - do Instituto de Psiquiatria, do Hospital das Clínicas, da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo, PROTAD-AMBULIM-HC-IPq-FMUSP, como uma das modalidades do tratamento multidisciplinar oferecidas a pacientes adolescentes com transtornos alimentares e a suas famílias. O artigo baseia-se na experiência dos encontros mensais da equipe, nos quais participam os familiares e cuidadores dos pacientes adolescentes com transtornos alimentares do ambulatório, e expõe o modelo de grupo psicoeducativo empregado, relacionando-o aos achados da literatura e à prática clínica.La propuesta de este artículo es presentar el grupo psicoeducativo multifamiliar del ambulatorio del Programa de Atención, Enseñanza e Investigación en Trastornos Alimentarios en la Infancia y en la Adolescencia - PROTAD - del Instituto de Psiquiatría del Hospital de las Clínicas de la Facultad de Medicina de la Universidad de São Paulo, PROTAD-AMBULIM-HC-IPq-FMUSP, como una de las modalidades de tratamiento multidisciplinario proporcionado por PROTAD a pacientes adolescentes con trastornos alimentarios y a sus familias. En especial, el artículo parte de la experiencia obtenida en los encuentros mensuales con la participación de familiares y cuidadores de los pacientes adolescentes con trastornos alimentarios del ambulatorio y expone el modelo de grupo psicoeducativo aplicado, relacionándolo a los modelos encontrados en la literatura médica y a la práctica clínica.The psycho-educational multifamily group is part of a multidisciplinary treatment offered to adolescents with eating disorders and their families, in the out-patient Program for Children and Adolescents with Eating Disorders - PROTAD - of the Institute of Psychiatry, of Hospital das Cl

  4. Transtorno de pânico e tabagismo

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Valença Alexandre M

    2001-01-01

    Full Text Available A relação entre transtorno de pânico e tabagismo é tema de interesse clínico. A associação entre transtorno de pânico e tabagismo foi revisada pelo sistema Medline (1980 a 2001, utilizando as seguintes palavras-chave: "tabagismo", "tabaco", "transtorno de pânico", "transtornos de ansiedade". As referências dos artigos encontrados também foram consultadas. Em dois casos clínicos atendidos no Laboratório de Pânico e Respiração da Universidade Federal do Rio de Janeiro, Brasil, foi encontrada uma relação positiva entre tabagismo e transtorno de pânico. Em ambos os casos, houve melhora dos sintomas de ansiedade, ataque de pânico e abstinência de nicotina após tratamento farmacológico do transtorno de pânico. Estudos podem esclarecer a existência de possíveis mecanismos etiopatogênicos comuns entre tabagismo e transtorno de pânico, bem como responder a questões terapêuticas específicas.

  5. Depression and quality of life in mothers of children with pervasive developmental disorders Depresión y calidad de vida en madres de niños con trastornos invasores de desarrollo Depressão e qualidade de vida em mães de crianças com transtornos invasivos do desenvolvimento

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria Ângela Fávero-Nunes

    2010-02-01

    ándose los resultados obtenidos, se sugiere que sean realizados nuevos estudios que profundicen, especialmente, las variables que no se mostraron significativas.O objetivo do estudo foi avaliar a prevalência de disforia/sintomas depressivos em mães de crianças com transtorno autístico e identificar possíveis relações com qualidade de vida e características sociodemográficas. Trata-se de estudo exploratório, descritivo e transversal, conduzido com 20 mães, por meio da aplicação de questionário do perfil sociodemográfico e da versão brasileira do Inventário de Depressão de Beck (BDI e da forma abreviada da Escala de Qualidade de Vida WHOQOL-Bref. Os resultados mostraram que 15% das mães preencheram os critérios para disforia/depressão; 70% avaliaram favoravelmente sua qualidade de vida global, todavia, apenas 40% delas estavam “satisfeitas” com sua saúde. O domínio físico (média=69,4 foi o melhor apreciado e o pior foi o ambiental (média=60,8. A qualidade de vida se associou positivamente com renda familiar e nível de instrução e, negativamente, com depressão. Considerando-se os resultados obtidos, são sugeridos novos estudos que aprofundem, especialmente, as variáveis que não se mostraram significativas.

  6. Influência da organização do trabalho sobre a prevalência de transtornos mentais comuns dos agentes comunitários de saúde de Belo Horizonte

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marcus Alessandro de Alcântara

    Full Text Available Resumo Introdução: à medida que se reconhece o papel dos agentes comunitários de saúde (ACS para os objetivos do sistema de saúde, é evidente a preocupação com a prevalência de sintomas psíquicos entre esses trabalhadores, conclamando a identificação de indicadores passíveis de serem modificados em favor da saúde mental dos ACS. Objetivo: examinar associações entre a prevalência de transtornos mentais comuns (TMC e condições de trabalho entre ACS inseridos nos serviços de atenção básica de Belo Horizonte, MG. Método: a amostra aleatória e representativa incluiu 196 sujeitos. Utilizou-se o Self-Reporting Questionnaire (SRQ-20 e questionário autopreenchível que continha blocos relacionados às questões sociodemográficas, ocupacionais e hábitos de vida. A análise multivariável adotou entrada hierárquica das variáveis e regressão de Poisson com estimativa da variância robusta. Resultados: a prevalência de TMC de 26,5% foi associada à alta demanda psicológica, relato de agressões contra o trabalhador e insatisfação com as relações pessoais. Conclusão: a significância da associação no tocante à demanda psicológica no trabalho é preocupante, pois seria possível projetar o trabalho dos ACS sem ultrapassar os seus próprios limites. Adequações do modelo organizacional e redesenho das tarefas podem contribuir favoravelmente para a saúde mental dos ACS.

  7. The efficacy of antidepressants for generalized anxiety disorder: a systematic review and meta-analysis A eficácia dos antidepressivos para transtorno de ansiedade generalizada: uma revisão sistemática e metanálise

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ricardo Schmitt

    2005-03-01

    Full Text Available OBJECTIVE: To investigate the efficacy and acceptability of antidepressants in the treatment of generalized anxiety disorder. METHODS: All randomized controlled trials assessing the use of antidepressants in generalized anxiety disorder up to may 2002 were included. Non randomized trials and those that included patients with both generalized anxiety disorder and another Axis I co-morbidity were excluded. Relative risks, weighted mean difference and number needed to treat were estimated. People who died or dropped out were regarded as having had no improvement. RESULTS: Antidepressants (imipramine, venlafaxine and paroxetine were found to be superior to placebo in treating generalized anxiety disorder. The calculated number needed to treat for antidepressants in generalized anxiety disorder was 5.15. Dropout rates did not differ between antidepressants and placebo. CONCLUSION: The available evidence suggests that antidepressants would probably be a reasonable treatment for generalized anxiety disorder patients in the clinical context.OBJETIVOS: Investigar a eficácia e tolerabilidade dos antidepressivos no tratamento do Transtorno de ansiedade generalizada (TAG. MÉTODOS: Todos os ensaios clínicos randomizados que investigavam o uso de antidepressivos para Transtorno de ansiedade generalizada até maio de 2002 foram incluídos nesta revisão. Ensaios clínicos não randomizados e aqueles que incluíram pacientes com Transtorno de ansiedade generalizada e outra comorbidade de Eixo I foram excluídos. Riscos relativos, diferenças de médias e número necessário para tratar (NNT foram estimados. Pessoas que morreram ou saíram dos estudos foram considerados como sem melhora. RESULTADOS: Antidepressivos (imipramina, venlafaxina e paroxetina foram superiores ao placebo no tratamento do Transtorno de ansiedade generalizada. O número necessário para tratar para os antidepressivos em Transtorno de ansiedade generalizada foi 5,15. Taxas de abandono n

  8. A efetividade dos testes complementares no acompanhamento da intervenção terapêutica no transtorno fonológico Effectiveness of complementary tests in monitoring therapeutic intervention in speech sound disorders

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Haydée Fiszbein Wertzner

    2012-12-01

    Full Text Available O planejamento e a evolução terapêutica de crianças com transtorno fonológico estão diretamente relacionados à avaliação inicial e aos testes complementares aplicados. Acompanhar a evolução do caso por meio de verificações regulares acrescenta informações importantes à avaliação diagnóstica, o que permite fortalecer achados iniciais a respeito da dificuldade subjacente identificada na avaliação inicial. Assim, no presente estudo de caso verificou-se a efetividade e a eficiência da aplicação do índice de porcentagem de consoantes corretas revisado (PCC-R bem como dos testes complementares de inconsistência de fala, de estimulabilidade e de habilidades metafonológicas no acompanhamento da intervenção terapêutica em crianças com transtorno fonológico. Participaram deste estudo três crianças do gênero masculino. Na data da avaliação inicial o Caso 1 tinha 6 anos e 9 meses de idade, o Caso 2, 8 anos e 10 meses, e o Caso 3, 9 anos e 7 meses. Além da avaliação específica da fonologia, foram aplicados testes complementares que auxiliaram na verificação da dificuldade subjacente específica em cada um dos casos. Desta forma, os sujeitos foram submetidos à avaliação de habilidades metafonológicas, à prova de inconsistência de fala e de estimulabilidade. A análise conjunta dos dados permitiu constatar que os testes selecionados foram efetivos e eficientes tanto para complementar o diagnóstico como para indicar mudanças nos três casos de crianças com transtorno fonológico.Therapeutic planning and evolution of children with speech sound disorders are related to both the initial assessment and to the complementary tests selected to be applied. Monitoring the case by regular evaluations adds important information to the diagnosis, which allows strengthening the initial findings with regards to the underlying deficits identified in the initial evaluation. The aim of this case report was to verify the

  9. Análise da prevalência dos transtornos psíquicos na região metropolitana do Recife Analysis of the prevalence of psychic disorders in the metropolitan region of Recife

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cíntia Paixão

    2009-02-01

    Full Text Available A saúde mental é um estado de bem-estar em que o indivíduo tem consciência das suas capacidades, é capaz de lidar com o estresse normal da vida, trabalhar produtivamente e contribuir para a sua comunidade. O presente trabalho tem como objetivo analisar quantitativamente a prevalência dos transtornos psíquicos, usando parâmetros referenciais como sexo, idade, tipos de distúrbios e assistência prestada aos portadores. Foi realizada uma abordagem quantitativa através de uma adaptação do questionário Self Reporting Questionnaire (SRQ - 20, em que foram entrevistadas assistentes sociais de três hospitais psiquiátricos da Região Metropolitana do Recife (RMR - Hospital Psiquiátrico Ulysses Pernambucano, Núcleo de Atenção Psicossocial de Pernambuco (NAPPE e Hospital Colônia Aucides Codiceira. O resultado mostrou uma maior incidência dos transtornos nas mulheres, entre a faixa etária de 41 - 60 anos, destacando-se a esquizofrenia como o principal tipo de patologia dentre as encontradas. Entre os diversos tratamentos oferecidos, prevalecem as terapias medicamentosas, em grupo e individual, estas apresentando melhor resultado.Mental health is a state of well-being, in which the individual is aware of its capacities, capable of coping with the ordinary stress of everyday life, of working productively and of functioning in society. The purpose of the present work is a quantitative analysis of the prevalence of psychic disorders, using references such as sex, age, kind of disorder and care delivered to the carriers. Social assistants of three psychiatric hospitals of the Metropolitan Region of Recife - the Psychiatric Hospital Ulysses Pernambucano, the Nucleus for Psychosocial Care of Pernambuco (NAPPE and the Hospital Colony Alcides Codeceira - answered an adapted version of the Self Reporting Questionnaire (SRQ-20. The results showed a higher incidence of disorders in women in the age group between 41 and 60 years. Schizophrenia was

  10. The relationship between perceived social support and severity of body dysmorphic disorder symptoms: the role of gender O efeito do gênero sobre a relação entre suporte social apreendido e gravidade dos sintomas do transtorno dismórfico corporal

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luana Marques

    2011-09-01

    Full Text Available OBJECTIVE: Whether social support is associated with severity of body dysmorphic symptoms is unknown. To address this gap in the literature, the present study aims to examine the association between three domains of perceived social support (i.e., family, friends, and significant others and severity of body dysmorphic disorder symptoms. METHOD: Participants (N = 400 with symptoms consistent with diagnosis of body dysmorphic disorder completed measures of symptomatology and social support via the internet. RESULTS: More perceived social support from friends and significant others was associated with less severe body dysmorphic disorder symptoms for males, and more perceived social support from family and friends was associated with less severe body dysmorphic disorder symptoms among females. Additionally, gender moderated the association between perceived social support from significant others and symptom severity, such that perceived social support from a significant other was significantly negatively associated with body dysmorphic symptom severity in males, but not females. CONCLUSION: The present study implicates social support as an important area of future body dysmorphic disorder research.OBJETIVO: Não há informação sobre o impacto do suporte social apreendido sobre a gravidade dos sintomas do transtorno dismórfico corporal. A fim de investigar essa relação, este estudo visa avaliar a associação entre três domínios do suporte social apreendido (familiares, amigos, e relacionamentos amorosos significativos e a gravidade dos sintomas do transtorno dismórfico corporal. MÉTODO: Os participantes (N = 400 com sintomas compatíveis com o diagnóstico de transtorno dismórfico corporal preencheram questionários sobre seus sintomas e suporte social via internet. RESULTADOS: Foi encontrada correlação inversa estatisticamente significativa entre a apreensão do suporte social por parte de amigos e relacionamentos amorosos e a

  11. Diagnóstico prenatal no invasivo

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    DR. L. Sebastián Illanes

    2014-11-01

    Full Text Available El estudio no invasivo del material genético fetal es hoy en día una realidad. Mediante el uso de tecnología de avanzada, se puede actualmente determinar el grupo Rh fetal, el sexo fetal y trastornos genéticos fetales. El NIPD (Non Invasive Prenatal Diagnosis ha generado revuelo en la comunidad científica debido a las grandes perspectivas que se abren desde el punto vista del manejo de las pacientes. En este artículo se presenta el desarrollo que ha tenido el NIPD y sus aplicaciones clínicas actuales.

  12. Trajetória das comorbidades no transtorno obsessivo-compulsivo

    OpenAIRE

    Maria Alice Simões de Mathis

    2012-01-01

    Introdução: O transtorno obsessivo-compulsivo (TOC) é uma doença de etiologia complexa, podendo ser influenciada por inúmeros fatores genéticos e ambientais. A falta de homogeneidade na descrição do transtorno dificulta a pesquisa de fatores etiológicos. Um dos subgrupos de TOC com características mais homogêneas é o TOC de início precoce. O objetivo principal deste estudo é investigar o efeito da idade de início dos diversos sintomas nas características clínicas dos transtornos psiquiátricos...

  13. Response of symptom dimensions in obsessive-compulsive disorder to treatment with citalopram or placebo Resposta das dimensões dos sintomas no transtorno obsessivo-compulsivo ao tratamento com citalopram ou placebo

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Dan J Stein

    2007-12-01

    genetic variants; further work is, however, needed to delineate fully obsessive-compulsive disorder subtypes and their underlying neurobiology.OBJETIVO: Há crescentes evidências de que os sintomas do transtorno obsessivo-compulsivo residem em dimensões discretas. Alguns estudos têm sugerido que esses fatores possuem suportes neurobiológicos específicos. No entanto, poucos trabalhos têm explorado a relação entre tais fatores e a resposta à farmacoterapia. MÉTODO: Foi realizada a análise fatorial dos itens individuais e categorias de sintomas do checklist da Escala de Obsessão e Compulsão de Yale-Brown e foi analisado o impacto da dimensão dos sintomas no desfecho dos tratamentos. RESULTADOS: A análise fatorial exploratória dos itens individuais da Escala de Obsessão e Compulsão de Yale-Brown produziu cinco fatores (contaminação/limpeza, dano/verificação, agressividade/sexual/religioso, colecionismo/simetria e somático/hipocondríaco. Colecionismo/simetria foi associado ao sexo masculino, longa duração do transtorno obsessivo-compulsivo e início precoce, ao passo que contaminação/limpeza foi associado ao sexo feminino. O citalopram foi mais eficaz do que placebo, mas altos escores nas subescalas de simetria/colecionismo e de contaminação/limpeza predisseram desfecho pior ao final do estudo, ao passo que altos escores na subescala agressividade/sexual/religioso predisseram melhor desfecho. Uma análise fatorial de sintomas do checklist da Escala de Obsessão e Compulsão de Yale-Brown produziu uma solução com quatro fatores, mas confirmou que simetria/ordenação estava associado ao sexo masculino, início precoce e longa duração do transtorno obsessivo-compulsivo, enquanto altos escores na subescala colecionismo predisseram uma resposta pior à farmacoterapia. CONCLUSÃO: O citalopram demonstra boa eficácia ao longo das dimensões do espectro de sintomas do transtorno obsessivo-compulsivo. A resposta relativamente pior de simetria

  14. Evaluation of common mental disorders in women with polycystic ovary syndrome and its relationship with body mass index Avaliação dos transtornos mentais comuns em mulheres com síndrome dos ovários policísticos e sua relação com o índice de massa corporal

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cristine Eliane Gomes Rodrigues

    2012-10-01

    controls (p=0.008. CONCLUSIONS: Women with diagnosis of this disease have an almost three-fold increased likelihood of common mental disorders as compared with those without polycystic ovary syndrome. Although obesity is often observed in polycystic ovary syndrome, even women with a healthy body mass index have an increased risk of psychiatric comorbidity.OBJETIVOS: Avaliar a prevalência dos transtornos mentais comuns em mulheres diagnosticadas com síndrome dos ovários policísticos e compará-las com controles pareadas sem a doença. MÉTODOS: Estudo transversal com Grupo Controle. Participaram mulheres entre 18 e 30 anos que não faziam uso de antidepressivos e procuraram o Serviço de Ginecologia dos locais de pesquisa. Para cada mulher diagnosticada com a síndrome dos ovários policísticos, buscou-se outra sem este diagnóstico com mesma idade, condição de escolaridade e presença ou ausência de parceiro sexual fixo. No total, 166 pacientes aceitaram participar, sendo 95 diagnosticadas com a síndrome e 71 no Grupo Controle. Para o diagnóstico da síndrome dos ovários policísticos, foi necessário existir dois dos três critérios: oligomenorreia ou amenorreia; hiperandrogenismo clínico ou bioquímico; ovários policísticos na ecografia transvaginal e excluir presença da síndrome de Cushing, hiperplasia adrenal congênita e tumores secretores de androgênio. Peso e altura foram aferidos para calcular o índice de massa corporal, enquanto o indicativo de transtorno mental comum foi avaliado pelo Self-Reporting Questionnaire com 20 itens. Foi realizado o teste do χ²em análise estratificada por categoria de índice de massa corporal para comparar as prevalências dos transtornos mentais comuns no grupo de mulheres com e sem a síndrome. RESULTADOS: Não houve diferenças significativas quanto à idade, escolaridade, presença de parceiro sexual fixo, cor da pele, nível socioeconômico, uso de medicação psiquiátrica e procura por consulta em sa

  15. Contribuição dos fatores de risco psicossociais para o transtorno de déficit de atenção/hiperatividade Contribution of psychosocial risk factors for attention deficit/hyperactivity disorder

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marcio M. Vasconcelos

    2005-03-01

    Full Text Available OBJETIVO: Analisar a contribuição dos fatores psicossociais para a ocorrência do transtorno de déficit de atenção/hiperatividade (TDAH. MÉTODO: Este é um estudo retrospectivo de casos-controles que analisou 403 alunos de uma escola pública primária. Preencheram-se o questionário de sintomas do DSM-IV e um questionário psicossocial específico e realizaram-se anamnese e exames físico e neurológico completos. RESULTADOS: O fator psicossocial estatisticamente significativo foi "brigas conjugais no passado" (odds ratio = 11,66, p = 0,044. Observaram-se assassinatos de 29 parentes próximos das crianças, e esta variável foi estatisticamente relevante. CONCLUSÃO: As crianças expostas a "brigas conjugais no passado" entre os pais correram risco 11,66 vezes mais alto de ter o diagnóstico de TDAH. Os autores propõem que a exposição à violência comunitária seja acrescentada aos indicadores de adversidade de Rutter, os quais predispõem à ocorrência de TDAH e outros transtornos neuropsiquiátricos na infância.OBJECTIVE: To analyze the contribution of psychosocial risk factors for the diagnosis of attention deficit/hyperactivity disorder (ADHD. METHOD: This is a retrospective, case-control study that analyzed 403 pupils from a public elementary school. DSM-IV symptom questionnaire and a specific psychosocial questionnaire were filled out, and a history and complete physical and neurological examinations were performed. RESULTS: The most statistically significant psychosocial risk factor was "marital discord in the past" (odds ratio = 11.66, p = 0.044. A total of 29 murders of subjects' close relatives were observed, and this variable was statistically relevant. CONCLUSION: Children that were exposed to marital discord in the past between parents underwent a 11.66-fold increase in the risk of ADHD diagnosis. Authors suggest that exposure to community violence be included among Rutters's indicators of adversity, which predispose

  16. O papel dos antipsicóticos atípicos no tratamento do transtorno bipolar: revisão da literatura The role of atypical antipsychotic agents in the treatment of bipolar disorder: a literature review

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Acioly LT Lacerda

    2002-03-01

    Full Text Available Estudos recentes têm demonstrado que a eficácia do lítio é significativamente inferior à descrita pelos primeiros trabalhos, embora ainda seja a medicação de referência no tratamento do transtorno afetivo bipolar. Apesar de um perfil de segurança desfavorável, os antipsicóticos clássicos sempre apresentaram um papel importante no tratamento desse transtorno psiquiátrico, especialmente como coadjuvante em sua fase maníaca aguda. Os autores, utilizando informação obtida no Medline, fizeram uma revisão acerca do papel dos antipsicóticos atípicos no tratamento dos pacientes bipolares. Baseado nos dados da literatura, a olanzapina mostrou-se bastante eficaz no manejo da mania aguda, quando uma média de 63,5% dos pacientes apresentaram melhora significativa em estudos duplo-cego controlados, apresentando ganho de peso como único efeito colateral relevante. A clozapina e, mais ainda, a risperidona apresentaram dados menos consistentes, grande parte em função de deficiências metodológicas dos poucos estudos conduzidos até o presente estudo. Os dados preliminares relativos à eficácia desse grupo farmacológico nos quadros refratários e nos sintomas depressivos são promissores, mas ainda não definitivos. Em relação a seus efeitos potenciais como estabilizadores do humor, não existem evidências conclusivas oriundas de estudos controlados, mas há interesse considerável para realização de investigações em pacientes bipolares tratados com antipsicóticos atípicos por períodos de tempo mais prolongados. Pesquisas futuras poderão tornar mais claras essas possíveis características terapêuticas.Even though lithium is still the choice drug in the treatment of bipolar disorder, recent studies have shown that it has a significant lower efficacy than previously described in earlier studies. Despite its adverse side effects, typical antipsychotic agents have often had a prominent role in the treatment of this psychiatric

  17. Imunolocalização das proteínas dos genes supressores de tumores TP53 e p16CDKN2 no front invasivo do carcinoma epidermóide de cavidade bucal Immunolocalization of TP53 and p16CDKN2 tumour suppressor genes proteins in invasive front of oral epidermoid carcinoma

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Alfredo Maurício Batista De-Paula

    2006-08-01

    Full Text Available INTRODUÇÃO: A carcinogênese bucal é um processo multipassos no qual eventos genéticos promovem o rompimento de vias regulatórias normais que controlam funções celulares básicas. O carcinoma epidermóide de cavidade bucal (CECB surge como conseqüência de múltiplos eventos moleculares induzidos pelos efeitos de vários carcinógenos influenciados por fatores ambientais contra um quadro de resistência ou suscetibilidade herdada geneticamente. OBJETIVO: Avaliar a importância clínica e morfológica da imunoexpressão das proteínas p53 e p16 na região do front invasivo de uma série de 35 casos rotineiramente processados de CECB. MATERIAL E MÉTODOS: Amostras de CECB primários tratados exclusivamente por cirurgia foram investigadas. O sistema TNM foi empregado para o estadiamento clínico dos pacientes. Para a gradação morfológica das lesões foi adotado o sistema de gradação do front invasivo. A técnica de imuno-histoquímica foi realizada nas lesões fixadas em formalina tamponada a 10% e emblocadas em parafina para identificação das proteínas p53 e p16. As contagens foram realizadas e submetidas a tratamentos estatísticos específicos. RESULTADOS: As taxas de imunolocalização para as proteínas p53 e p16 foram de 63% e 66%, respectivamente, nas 35 amostras de carcinoma estudadas. Não houve relação entre as expressões das proteínas p53 e p16 com os parâmetros clínico-morfológicos analisados. Não houve correlação entre a expressão imuno-histoquímica das proteínas p53/p16. CONCLUSÃO: A expressão das proteínas p53 e p16 não influenciou os parâmetros clínico-morfológicos analisados neste estudo e aparentemente não representa base molecular para o significado biológico da região do front invasivo tumoral. A ausência de forte correlação entre as expressões imuno-histoquímicas das proteínas p53 e p16 sugere que as mesmas podem participar de atividade biológicas do controle do ciclo celular por

  18. Caracterização dos erros ortográficos em crianças com transtornos de aprendizagem Characterizing spelling mistakes found in children with learning problems

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Jaime Luiz Zorzi

    2008-01-01

    Full Text Available OBJETIVOS: analisar habilidades ortográficas de crianças diagnosticadas com problemas de aprendizado. Foram quantificados e classificados erros produzidos pelos sujeitos, visando descrever aqueles de maior freqüência, verificando se há diferença entre a ocorrência dos mesmos. Pretendeu-se caracterizar um perfil ortográfico indicativo das dificuldades gerais mais comumente encontradas nesta população. MÉTODOS: foi examinada a escrita de 69 sujeitos avaliados pelo Laboratório de Distúrbios de Aprendizagem do Departamento de Neurologia da UNICAMP e diagnosticados como apresentando algum tipo de problema de aprendizagem. As idades variaram entre oito anos e dois meses e treze anos e quatro meses, com uma média de dez anos e seis meses. Foram incluídos somente sujeitos em nível alfabético de escrita, sem qualquer tipo de rebaixamento intelectual. Os erros encontrados foram classificados em onze categorias e quantificados para fins de análise estatística. RESULTADOS: dez grupos foram diagnosticados, sendo o Transtorno do Déficit de Atenção o mais numeroso, seguido por Dificuldades Escolares e Transtornos Associados. A maior parte dos sujeitos cursava a terceira série do ensino fundamental. O tipo de erro mais recorrente foi "Representações Múltiplas", seguido de "Omissões" e "Apoio na Oralidade". Observou-se correlação significativa principalmente entre "Omissões" e "Outras Alterações". CONCLUSÃO: a maior dificuldade encontrada está centrada nas "Representações Múltiplas", revelando dificuldades principalmente no nível ortográfico. Os erros por omissão de letras decorrem de falhas no processo de análise fonológica e de correspondência fonema-grafema. A baixa ocorrência de erros por "Inversão" e por "Letras Parecidas", indica ausência de dificuldades de natureza visual-espacial.PURPOSES: to analyze orthographic abilities of children diagnosed with some kind of learning problems. Mistakes produced by the

  19. A conquista do paraíso inexistente: os transtornos da imaginação nos relatos de viagem dos séculos XV e XVI

    OpenAIRE

    Coelho, Rogério Mendes

    2007-01-01

    O presente trabalho propõe estudar as configurações discursivas que descreveram as realidades americanas durante o período colonial dos séculos XV e XVI. Partindo de textos produzidos por alguns navegantes do século XVI como Cristóbal Colón, Américo Vespúcio e Pero Magalhães Gândavo, o que se realizou como pesquisa foi a problematização dos textos escritos não tão-somente como discursos de fundação do espaço americano, onde nuances como história e ficção; imitação e desvio se confundem, estab...

  20. A construção social de um grupo multifamiliar no tratamento dos transtornos alimentares The social construction of a multifamily group in the treatment of the eating disorders

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Laura Vilela e Souza

    2009-01-01

    Full Text Available O objetivo desse estudo foi compreender os sentidos produzidos e negociados pelos familiares sobre a participação em um grupo de apoio para cuidadores de pessoas diagnosticadas com Anorexia Nervosa e Bulimia Nervosa. Por meio da abordagem teórico-metodológica do Construcionismo Social puderam ser resgatados os sentidos acerca da participação grupal, os discursos sociais que sustentam essas construções e as suas conseqüências para a interação grupal. Ao serem entendidos como verdades absolutas, esses sentidos produziram movimentos de segregação e afastamento no grupo. Ao serem revisitados, promoveram o aparecimento de sentidos alternativos, evidenciando o caráter construído e negociado do espaço grupal. Acredita-se que esse conhecimento pode trazer valiosas contribuições para o planejamento de estratégias de atendimento no contexto de tratamento dos transtornos alimentares.The aim of this study was to analyze the meanings produced and negotiated by the relatives of people diagnosed with Anorexia and Bulimia who participated in a family support group. Using the Social Constructionism theoretical-methodological approach, the meanings about the family participation in group work, the social discourses that sustain such meaning constructions and their consequences to the group interaction were enlightened. When the meanings were taken as absolute truths, segregation movements among the participants were produced. However, those meanings could be revisited promoting the appearance of alternative ones, showing the negotiated and constructed character of the group space. This knowledge may contribute to a successful planning for the treatment of eating disorders.

  1. Avaliação dos Efeitos de Programas de Intervenção de Atividade Física em Indivíduos com Transtorno do Espectro do Autismo

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Carla Cristina Vieira Lourenço

    2015-06-01

    Full Text Available A prática regular de atividade física influencia a saúde e o bem-estar, com papel importante na prevenção de várias doenças crônicas, como doenças cardiovasculares, acidente vascular cerebral, hipertensão, obesidade, diabetes, osteoporose, dentre outras. As vantagens da prática de exercício físico por pessoas com deficiências de desenvolvimento, especificamente de pessoas com transtorno do espetro do autismo (TEA, têm sido estudadas, mas dados as diferentes metodologias e abordagens presentes na literatura, há necessidade de fazer uma compilação das diferentes investigações existentes que permitam concluir quais os efeitos de diferentes tipos de exercício em pessoas com TEA. O objetivo deste artigo é reunir os principais estudos que foram realizados nos últimos anos no âmbito da atividade física em indivíduos com (TEA e retirar as conclusões acerca dos mesmos. São apresentados 18 estudos, num total de 140 crianças e adultos com várias variantes desta síndrome e que participaram em atividades individualmente ou em grupo. Foram realizadas diversas atividades tais como jogos, natação, corrida, passeios terapêuticos, hidroginástica. As intervenções pretenderam estudar a influência das atividades propostas no comportamento agressivo e estereotipado, funcionamento social, resistência, qualidade de vida e stress, aptidão física e resistência. Os programas de intervenção revelaram melhorias significativas, mostrando as potencialidades do exercício em pessoas com TEA.

  2. Transtornos parafílicos em pacientes com transtorno obsessivo-compulsivo: série de casos Paraphilic disorders among patients with obsessive-compulsive disorder: case series

    OpenAIRE

    Borges,Manuela C.; Lídia Ordacgi; Garcia,Rafael F.; Nazar,Bruno P.; Leonardo F Fontenelle

    2007-01-01

    Com o intuito de elucidar a relação entre transtornos do controle de impulsos (TCI) e transtorno obsessivo-compulsivo (TOC), faz-se mister estudar subgrupos mais clinicamente homogêneos de transtornos impulsivos. Por meio do relato de quatro casos de pacientes com TOC e diferentes tipos de transtornos parafílicos (fetichismo transvético, sadismo, ginandromorfofilia e exibicionismo), são discutidos os conceitos de compulsividade, impulsividade e a relação temporal entre ambos. O estudo dos cas...

  3. Transtornos de ansiedade e linguagem em crianças e adolescentes : estudos de neuropsicologia e neuroimagem funcional

    OpenAIRE

    Rudineia Toazza

    2016-01-01

    Os transtornos de ansiedade são o grupo de transtornos psiquiátricos mais comum na infância e adolescência. Embora avanços significativos tenham sido feitos para identificar os melhores tratamentos para crianças ansiosas, ainda pouco se sabe sobre a base neural subjacente a esses transtornos. Nesse sentido, essa tese teve por objetivo investigar a linguagem como pano de fundo para o entendimento dos transtornos de ansiedade através de avaliações neuropsicológicas e de neuroimagem funcional, l...

  4. Neuroanatomia do transtorno de pânico

    OpenAIRE

    Mezzasalma,Marco Andre; ALEXANDRE M. VALENÇA; Fabiana L. Lopes; Nascimento,Isabella; Zin,Walter A; Antonio E. Nardi

    2004-01-01

    OBJETIVOS: O Transtorno de Pânico (TP) é um transtorno de ansiedade que permite um estudo comparativo de modelos animais visando à elucidação dos circuitos cerebrais envolvidos na sua gênese, embora estes ainda tenham sido pouco discutidos. MÉTODOS: Os autores realizam uma revisão da literatura sobre neurobiologia e neuroanatomia do TP. RESULTADOS: Uma revisão de dados demonstra a existência de uma "rede de medo", que tem como ponto principal o núcleo central da amígdala e compreende o hipotá...

  5. Contribuição dos sintomas do transtorno de déficit de tenção/hiperatividade para as dificuldades de aprendizagem da aritmética

    OpenAIRE

    Riviane Borghesi Bravo

    2011-01-01

    Os Transtornos de Aprendizagem são caracterizados por comprometimentos no aprendizado das habilidades escolares, os quais não comprometem a inteligência de modo global, restringindo-se a alguns domínios cognitivos, tais como a linguagem escrita ou a matemática. Entre outras causas, a dificuldade da aprendizagem da matemática (DAM) muitas vezes é atribuída a um transtorno específico de aprendizagem da aritmética (CID 10 F81.2) ou a própria Discalculia do Desenvolvimento (DD). A DD é estimada e...

  6. Transtorno borderline: história e atualidade

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Paulo Dalgalarrondo

    Full Text Available No presente trabalho é feita uma revisão histórica e psicopatológica do distúrbio borderline. O autor sugere que a categoria clínica introduzida por Kahlbaum, em 1890, “heiboidophenie”, pode ser considerada como um protoconceito na origem do conceito de transtorno borderline. No final dos anos 70 e 80, sob a influência do DMS-III, a esquizofrenia latente ou borderline se transformava em dois subtipos de transtorno de personalidade: borderline e esquizotípico. Alguns aspectos psicopatológicos do Transtorno de Personalidade Borderline são revistos, com especial ênfase sobre os sintomas afetivos e as alterações no plano das relações interpessoais.

  7. Revisão dos métodos empregados na avaliação da dimensão corporal em pacientes com transtornos alimentares

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Bianca Elisabeth Thurm

    2011-01-01

    Full Text Available Objetivo: O presente artigo analisou os métodos de avaliação da percepção da dimensão corporal abordados na literatura científica. Método: Foram utilizadas a palavra-chave "body image" e a combinação desta com os termos "size perception" e "size estimation", nas bases de dados Medline, Bireme, EBSCO e SCOPUS, para o levantamento científico. O período considerado para essas buscas foi de 1975 a 2010. Resultados: Foram encontrados quatro métodos que avaliam e quantificam a percepção dimensional do corpo, aplicando-se um índice de percepção da dimensão corporal. Os métodos diferem em sua forma de execução, utilização de instrumentos, uso ou não de feedback visual por parte do avaliado, utilização de estímulo tátil ou não para gerar a resposta do avaliado. Conclusão: O Image Marking Procedure (IMP mostrou-se apropriado para a avaliação da dimensão corporal nos distúrbios alimentares, pela possibilidade de avaliar o grau de distorção corporal e dos segmentos corporais específicos sem a interferência visual, cognitiva e qualquer referencial externo comparado aos outros testes que mostraram limitações quanto a esses aspectos. Sugere-se que ele seja utilizado em futuras pesquisas que avaliem o aspecto dimensional da percepção corporal.

  8. Identificação dos fatores de risco para o transtorno do processamento auditivo (central em pré-escolares Identification of risk factors for the (central auditory processing disorder in preschool children

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Daniela Musskopf da Luz

    2011-08-01

    Full Text Available OBJETIVOS: identificar os fatores de risco para o Transtorno do Processamento Auditivo (Central TPA(C em 79 pré-escolares. MÉTODOS: aplicou-se um questionário para 79 pais , de crianças que cursavam a pré-escola ou o primeiro ano do ensino fundamental, das redes municipal, estadual e particular de Porto Alegre. O questionário continha questões referentes ao desenvolvimento infantil. RESULTADOS: a pesquisa mostra como principais resultados a ocorrência do uso de chupeta (73,4%; do tempo de aleitamento materno (36%; da realização dos exames audiológicos (17,8%; do tempo em frente a televisão (59%; e da quantidade de repetições de instruções (54%; Em relação aos testes de correlação o estudo mostrou a utilização da chupeta (p=0,006 e maior ocorrência de otites (p=0,007 por meninas. As crianças mais velhas realizavam leitura espontânea (p=0,007 e recontavam histórias ordenadamente (p=0,035. CONCLUSÃO: Identificou-se as variáveis: maior número de irmãos (p=0,005, maior solicitação de repetições (pPURPOSE: to identify the risk factors for (Central Auditory Processing Disorder in a group of 79 preschool children. METHODS: we applied a questionnaire to 79 parents or guardians of children attending preschool or first year of elementary school of the municipal, state and private schools in Porto Alegre. The questionnaire contained questions related to child development. RESULTS: the research shows as the main results the use of a pacifier use (73.4%; the duration of breastfeeding (36%; the conduction of audiological testing (17.8%; the time watching TV (59%; and the number of repetitions of instructions (54%; For the correlation tests the study showed the pacifier use (p=0.006 and the higher incidence of otitis (p=0.007 by girls. Older children performed spontaneous reading (p=0.007 and retold stories neatly (p=0.035. CONCLUSION: the risk factors for (Central Auditory Processing Disorder were identified, being the

  9. A participação da família no tratamento dos transtornos alimentares La participación de la familia en el tratamiento de los trastornos alimentarios Family participation in the treatment of eating disorders

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Laura Vilela e Souza

    2010-06-01

    Full Text Available O objetivo deste estudo foi compreender os sentidos da participação da família no tratamento produzidos em um grupo de apoio aos familiares de pessoas diagnosticadas com anorexia e bulimia. Participaram familiares atendidos no contexto de um serviço especializado. O corpus foi constituído pelos registros audiogravados de sessão de grupo, nos quais se buscou delimitar os segmentos interacionais relevantes para o alcance dos objetivos. A perspectiva construcionista social foi utilizada como suporte teórico-metodológico e fundamentou a análise dos dados. Os resultados permitiram compreender que as diversas descrições das relações da família com o "transtorno alimentar" permitem delimitar diferentes possibilidades de significar a participação dos familiares no tratamento. Concluiu-se que o grupo pode funcionar como um espaço privilegiado para acompanhar essa produção de sentidos in statu nascendi, permitindo explorar a construção, desconstrução e reconstrução de significados alternativos, que podem enriquecer o horizonte interpretativo de cada participante.El objetivo de cuesto estudio fue comprender los sentidos sobre la participación de la familia en el tratamiento producido en un grupo de apoyo a los familiares de personas diagnosticadas con anorexia y bulimia. Hicieron parte del estudio familiares atendidos en el contexto de un servicio especializado. El corpus fue constituido por los registros audio grabados de sesiones de grupo, en los cuales se buscó delimitar los segmentos interacciónales relevantes para el alcance del objetivo. El enfoque del construccionismo social fue utilizado como suporte teórico-metodológico y fundamentó el analisis de los datos. Los resultados permitieron comprender que las diversas descripciones sobre las relaciones de la familia con trastornos alimentarios permiten delimitar diferentes posibilidades de significar la participación de los familiares en el tratamiento. Concluye que los

  10. Auditoria em unidade de terapia intensiva: vigilância de procedimentos invasivos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Mariama Amaral Michels

    2013-01-01

    Full Text Available Atualmente, as infecções relacionadas à assistência à saúde (IRAS constituem sério problema de saúde pública. Estima-se que a cada dez pacientes hospitalizados, um terá infecção após sua admissão, gerando custos elevados resultantes do aumento do tempo de internação, intervenções terapêuticas e diagnósticas adicionais. A unidade de terapia intensiva (UTI, por suas características, constitui uma das unidades mais complexas do ambiente hospitalar, consequência dos equipamentos, da tecnologia disponível, da gravidade dos pacientes internados e aos procedimentos invasivos que são submetidos. O objetivo do estudo foi avaliar a aderência às medidas específicas de prevenção de IRAS em procedimentos invasivos na UTI. Métodos: O presente estudo teve uma abordagem quantitativa, de caráter descritivo e exploratório. Entre os fatores de risco para IRAS são a presença de acesso venoso central, sondagem vesical de demora e ventilação mecânica, portanto, os indicadores foram calculados para pacientes com estes procedimentos invasivos, através de questionário padronizado pela Comissão de Controle de Infecção Hospitalar (CCIH. Resultados: A cada 1000 pacientes, 15 pacientes apresentaraminfecção de corrente sanguínea associada ao cateter, 6,85 apresentaram infecção urinária relacionada à sondagem vesical dedemora, durante o primeiro semestre de 2010. Conclusão: a maioria das IRAS não pode ser prevenida, por razões inerentes aos procedimentos invasivos e aos próprios clientes. Todavia, podem ser reduzidas e controladas. A implementação de medidas de prevenção baseadas em evidências científicas pode reduzir as IRAS de forma significativa e sustentada, trazendo segurança na assistência e redução de custos. Entre os principais meios de prevenção incluem-se a higienização de mãos, uso das medidas de bloqueio epidemiológico quando necessário, e cuidados específicos para cada sítio de infecção.

  11. Transtorno obsessivo-compulsivo

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Christina Hajaj Gonzalez

    1999-10-01

    Full Text Available O transtorno obsessivo-compulsivo (TOC é um quadro psiquiátrico caracterizado pela presença de obsessões e compulsões. Sua prevalência é de aproximadamente 2% a 3% na população geral. Os fatores genéticos estão provavelmente implicados na etiologia do transtorno. Os estudos realizados sugerem que há diferentes subtipos de TOC: TOC com história familiar positiva para TOC, TOC "esporádico" e TOC associado com a tiques. Os estudos de gêmeos mostram uma alta concordância de TOC entre gêmeos monozigóticos. Em alguns estudos de famílias observou-se um maior risco para TOC entre os familiares de pacientes com TOC. Os estudos de análise de segregação sugerem o envolvimento de um gene de efeito maior na etiologia do transtorno. Através de estudos moleculares, diferentes grupos de pesquisadores vêm tentando a localizar um possível gene envolvido na etiologia do TOC.Obsessive-compulsive disorder (OCD is a psychiatric condition characterized by the presence of obsessions and compulsions. Its prevalence in the general population is around 2 to 3%. Genetic factors are probably involved in its etiology. Studies suggest there are different subtypes of OCD: OCD with a positive family history of OCD, sporadic OCD, and OCD related to tics. Twin studies show a high concordance rate for monozygotic twins. Some of the family studies observed a higher risk for OCD among relatives of OCD patients. Segregation analysis studies suggest the possible role of a major gene effect in the etiology of the disorder. By means of molecular studies, several investigators have been trying to find a gene involved in the etiology of OCD.

  12. Transtornos alimentares: patologia ou estilo de vida?

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Liliane de Jesus Bittencourt

    2013-01-01

    Full Text Available A internet se apresenta como um novo espaço de reconfiguração das relações sociais, por isso jovens com transtornos alimentares vêm utilizando-a como forma de expressão, através das comunidades pró-anorexia e bulimia. Este artigo visa compreender a diferença entre o discurso hegemônico e a crença destas jovens, a partir das teorias antropológicas sobre a influência da cultura na saúde e na doença, da teoria da bioascese e das teorias feministas. Usando a interpretação de sentidos, percebe-se que os transtornos alimentares são considerados estilos de vida, nos quais se busca fugir ao sofrimento através do controle dos corpos e dos desejos. Há uma trama entre controle, poder e dominação, no qual as jovens pleiteiam autonomia e independência, a sociedade define e normatiza seus corpos, e dessa forma, impõem uma dominação, e os profissionais, baseados nos discursos da saúde, intentam ensiná-las como controlá-los, exercendo, de certa forma, um poder sobre o outro.

  13. Prevalência de transtornos ansiosos e algumas comorbidades em idosos: um estudo de base populacional

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Mayara B. Machado

    2016-03-01

    Full Text Available RESUMO Objetivo Avaliar a prevalência de transtornos ansiosos e fatores associados em uma amostra populacional de idosos do Sul de Santa Catarina. Métodos Estudo transversal com base em dados populacionais, que avaliou 1.021 indivíduos idosos entre 60 e 79 anos. Foram realizadas entrevistas domiciliares para aferição de variáveis sobre transtornos ansiosos, por meio do questionário MINI, dados sociodemográficos, hipertensão arterial sistêmica (HAS, infarto agudo do miocárdio (IAM e dosagem de colesterol. Resultados As prevalências entre os transtornos ansiosos foram de 22,0% para o transtorno de ansiedade generalizada (TAG; 14,8% para fobia social (FS; 10,5% para transtorno do pânico (TP; e 8,5% para o transtorno obsessivo-compulsivo (TOC. Além disso, 40,5% dos indivíduos apresentaram pelo menos um transtorno de ansiedade. A distribuição dos transtornos foi semelhante nos dois gêneros; TAG foi mais prevalente nos indivíduos de menor escolaridade; TOC foi mais presente em indivíduos casados ou em união estável. Em relação às variáveis clínicas, HAS foi associada à presença de TOC; FS foi associada com IAM; TOC e FS foram associados com HDL > 40 mg/dL. Conclusão Os dados demonstram que os quadros de ansiedade são muito frequentes em idosos da comunidade, se sobrepõem de forma significativa e estão associados a algumas variáveis clínicas cardiovasculares.

  14. Trabalhadores afastados por transtornos mentais e de comportamento: o retorno ao ambiente de trabalho e suas consequencias na vida laboral e pessoal de alguns bancarios

    National Research Council Canada - National Science Library

    Olivier, Marilene; Storch Perez, Cristiani; da Costa Fernandes Behr, Simone

    2011-01-01

    ... atividades. O objetivo da pesquisa realizada foi fazer um estudo de como passou a ser o cotidiano dos trabalhadores do Banco, apos gozarem licenca medica, devido a transtornos mentais e comportamentais, tanto...

  15. Habilidades sociais: fator de proteção contra transtornos alimentares em adolescentes

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Laura Giron Uzunian

    2015-11-01

    Full Text Available Resumo O objetivo desse estudo foi revisar a literatura a cerca da relação entre transtornos alimentares e habilidades sociais em adolescentes. Pesquisou-se as bases de dados Medline, SciELO e Lilacs, cruzando os descritores “transtornos alimentares”, “anorexia nervosa”, “bulimia nervosa” e “comportamento alimentar”, com os descritores “psicologia social” e “isolamento social”, e com as palavras chave “competência social”, “habilidade social” e “relação interpessoal”. Incluiu-se estudos com adolescentes, nos idiomas português, inglês e espanhol, e publicações realizadas entre os anos de 2007 a 2012. A busca resultou em 63 artigos, sendo incluídos 50 nesta revisão. A maioria dos estudos foi conduzido no Brasil e nos Estados Unidos. Do total, 43 eram artigos originais. Os estudos visavam compreender como o estado emocional poderia influenciar no estabelecimento dos transtornos alimentares, assim como as relações interpessoais e a relação entre os pares. Os artigos também discutiram a influência da mídia e da sociedade neste processo. A partir da análise dos estudos, observou-se que quanto maior o repertório de habilidades sociais dos adolescentes, maior será o fator de proteção contra o desenvolvimento de transtornos alimentares.

  16. Literatura científica brasileira sobre transtornos do espectro autista Brazilian scientific literature about autism spectrum disorders

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria Cristina Triguero Veloz Teixeira

    2010-01-01

    Full Text Available OBJETIVOS: O presente estudo refere-se a uma revisão sistemática, cujo objetivo foi conduzir uma análise da produção científica de autores brasileiros sobre Transtornos do espectro autista (TEA, no período de 2002 a 2009. MÉTODOS: A busca bibliográfica foi realizada nas bases de dados: PUBMED, SciELO, LILACS e portal CAPES, incluindo diversos descritores, tais como autismo e transtorno invasivo do desenvolvimento. RESULTADOS: Um total de 93 artigos foi identificado, tendo sido publicados, sobretudo por autores da região Sudeste e de universidades públicas. Aproximadamente um terço dos artigos foi publicado em revistas com algum fator de impacto variando entre 0,441 e 3,211; sendo a maioria dos artigos baseada em amostras pequenas. Foram identificadas 140 dissertações e teses; 82,1% eram dissertações de mestrado. O principal tema de pesquisa abordado neste material relacionou-se a programas de intervenção para TEA. CONCLUSÃO: Esta revisão mostra o interesse de pesquisadores brasileiros na temática dos TEA, entretanto, uma parte considerável dessa produção científica se concentra em dissertações/teses e a minoria em artigos científicos publicados em revistas com elevado fator de impacto. Os resultados desta revisão sistemática mostram a necessidade de novos estudos com amostras maiores que levariam a um maior impacto e visibilidade da produção científica brasileira relativa aos TEA.OBJECTIVE: This study is a systematic review aiming to conduct a general analysis of the scientific production covering publications of Brazilian authors about ASD in the period from 2002 to 2009. METHODS: The bibliographic search was conducted in the following scientific databases: PUBMED, SciELO, LILACS and portal CAPES, by using keywords such as autism and pervasive developmental disorders. RESULTS: A total of 93 papers were identified mainly produced by authors from tSoutheast Brazil and from public universities. Approximately one

  17. Terapia comportamental cognitiva para pessoas com transtorno bipolar Cognitive behavioral therapy for bipolar disorders

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Francisco Lotufo Neto

    2004-10-01

    Full Text Available Descrição dos objetivos e principais técnicas da terapia comportamental cognitiva usadas para a psicoterapia das pessoas com transtorno bipolar.Objectives and main techniques of cognitive behavior therapy for the treatment of bipolar disorder patients are described.

  18. Neurobiologia da Cannabis: do sistema endocanabinoide aos transtornos por uso de Cannabis

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    José Luis G. Pinho Costa

    2011-01-01

    Full Text Available OBJETIVOS: Diante das lacunas na efetividade das terapêuticas para transtornos por uso de Cannabis, a droga ilícita mais consumida no mundo, este trabalho propõe-se a rever os conhecimentos sobre o substrato neuroanatômico, biomolecular e celular do sistema endocanabinoide, descrever os mecanismos de neuroplasticidade dependente dos canabinoides e relacioná-los com a neurobiologia dos transtornos por uso de Cannabis (abuso e dependência. MÉTODOS: Recorreu-se às bases de dados Medline, Scopus e ISI Web of Knowledge; as palavras-chave pesquisadas foram "Cannabis", "neurobiology", "endocannabinoid system", "endocannabinoids", "receptors, cannabinoid", "neuronal plasticity", "long-term synaptic depression", "long-term potentiation", "marijuana abuse" e "tetrahydrocannabinol". Foram incluídos 80 trabalhos nesta revisão. DISCUSSÃO: A distribuição neuroanatômica, celular e biomolecular do sistema endocanabinoide adequa-se perfeitamente às suas funções de neuromodulação (via neuroplasticidade e metaplasticidade, nomeadamente em vias relacionadas aos transtornos por uso de substâncias. Os canabinoides exógenos perturbam essas funções. CONCLUSÃO: O sistema endocanabinoide contribui para a definição de setpoints em diversas vias neuronais, incluindo vias cruciais na instalação de transtornos por uso de substâncias; com o uso de Cannabis, esses setpoints tornar-se-ão mais permissivos, facilitando os transtornos por uso de Cannabis. Os avanços no entendimento da neurobiologia da Cannabis abrem uma janela de oportunidades para novas estratégias terapêuticas nos transtornos por uso de Cannabis.

  19. Corpo e palavra: grupo terapêutico para pessoas com transtornos alimentares

    OpenAIRE

    Daniel Magalhães Goulart; Manoel Antônio dos Santos

    2012-01-01

    Transtornos alimentares constituem relações problemáticas com a alimentação e a imagem de si. Seu tratamento deve contemplar múltiplas estratégias, inclusive a abordagem grupal. Este estudo teve como objetivos desenvolver reflexões sobre a grupoterapia com pessoas com transtornos alimentares atendidas em serviço especializado e investigar a dinâmica psicológica dos pacientes atendidos, a partir de ressonâncias contratransferenciais. Foram analisados registros de observação anotados em diário ...

  20. Transtornos alimentares na infância e na adolescência

    OpenAIRE

    Gonçalves,Juliana de Abreu; Moreira,Emilia Addison M.; Trindade,Erasmo Benício S. de M.; Fiates,Giovanna Medeiros R.

    2013-01-01

    OBJETIVO: Discutir os transtornos alimentares em crianças e adolescentes quanto às suas características e fatores de risco. FONTES DE DADOS: A pesquisa de artigos foi realizada nas bases de dados PubMed e SciELO pela combinação dos termos 'crianças', 'adolescentes', 'comportamento alimentar', 'transtorno alimentar', 'bulimia' e 'anorexia', nos idiomas português e inglês. Foram considerados os artigos publicados entre 2007 e 2011, sendo selecionados 49 que analisaram o desenvolvimento do compo...

  1. Transtornos de personalidade, psicopatia e serial killers Personality disorders, psychopathy and serial killers

    OpenAIRE

    Morana,Hilda C P; Stone, Michael H.; Elias Abdalla-Filho

    2006-01-01

    OBJETIVO: Apresentar as características básicas dos diversos transtornos específicos de personalidade, mas centrando-se no transtorno de personalidade anti-social, fazendo sua diferenciação com psicopatia. O estudo ainda se propõe a abordar a figura do serial killer, apontando a presença de aspectos psicopáticos no homicídio seriado. MÉTODO: Uma revisão bibliográfica foi feita no sentido de se abordar convergências e divergências entre diversos autores sobre um assunto tão polêmico, sobretudo...

  2. Neuroanatomia do transtorno de pânico Neuroanatomy of panic disorder

    OpenAIRE

    Marco Andre Mezzasalma; ALEXANDRE M. VALENÇA; Fabiana L. Lopes; Isabella Nascimento; Zin,Walter A; Antonio E. Nardi

    2004-01-01

    OBJETIVOS: O Transtorno de Pânico (TP) é um transtorno de ansiedade que permite um estudo comparativo de modelos animais visando à elucidação dos circuitos cerebrais envolvidos na sua gênese, embora estes ainda tenham sido pouco discutidos. MÉTODOS: Os autores realizam uma revisão da literatura sobre neurobiologia e neuroanatomia do TP. RESULTADOS: Uma revisão de dados demonstra a existência de uma "rede de medo", que tem como ponto principal o núcleo central da amígdala e compreende o hipotá...

  3. Transtorno de estresse pós-traumático em dependente do álcool

    OpenAIRE

    Pulcherio,Gilda; Vernetti,Carmen; Strey, Marlene Neves; Faller,Sibele

    2008-01-01

    CONTEXTO: Os transtornos comórbidos entre dependentes químicos têm se mostrado a regra e não a exceção. O transtorno de estresse pós-traumático (TEPT) é um transtorno de ansiedade que se desenvolve após evento traumático, com importante sintomatologia. Quase 100% dos dependentes químicos que procuram tratamento relatam história de traumas, e as prevalências de TEPT têm variado entre 30% e 60%. Entre os alcoolistas, as prevalências de TEPT variam de 10% a 40%. Apesar das altas prevalências, ta...

  4. Transtornos alimentares: fundamentos históricos Eating disorders: historical background

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Táki Athanássios Cordás

    2002-12-01

    Full Text Available Os autores fazem uma breve revisão dos aspectos históricos dos transtornos alimentares. Possíveis correlaç��es psicopatológicas com os conceitos diagnósticos atuais são discutidas.The authors make a brief review of the historical aspects of eating disorders. Possible correlations with modern psychopathological aspects are commented

  5. Resistência ao tratamento nos transtornos de ansiedade: fobia social, transtorno de ansiedade generalizada e transtorno do pânico Treatment-resistant anxiety disorders: social phobia, generalized anxiety disorder and panic disorder

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Gabriela Bezerra de Menezes

    2007-10-01

    Full Text Available OBJETIVOS: Os transtornos de ansiedade são condições psiquiátricas prevalentes que determinam importante prejuízo funcional, piora na qualidade de vida do indivíduo e um enorme custo social. Embora diversas medicações eficazes para os transtornos de ansiedade encontrem-se disponíveis, um número significativo de pacientes não responde adequadamente ao tratamento e muitos permanecem com sintomas residuais clinicamente significativos. O objetivo deste estudo é rever aspectos relacionados à resistência ao tratamento e estratégias farmacológicas no manejo dos transtornos de ansiedade resistentes ao tratamento. MÉTODO: Revisão narrativa. RESULTADOS: São discutidos os diversos aspectos conceituais relacionados à resistência ao tratamento, os possíveis preditores de resistência e, finalmente, algumas estratégias a serem utilizadas no manejo dos transtornos de ansiedade (incluindo transtorno de ansiedade social, transtorno de ansiedade generalizada e transtorno do pânico que não respondem às abordagens terapêuticas convencionais. CONCLUSÃO: A resistência ao tratamento ainda é um desafio para a prática clínica que começa em conceitos não operacionalizados de resposta e resistência e termina na escassez de estudos controlados sobre estratégias de tratamento nesse último cenário clínico.OBJECTIVES: Anxiety disorders are common psychiatric conditions that cause significant disability, poor quality of life and enormous social cost. Although treatments with demonstrable efficacy are available a great number of patients fail to respond or remains with clinically significant residual symptoms after treatment. The objective of this study is to review aspects related to treatment resistance and pharmacological strategies to deal with anxiety disorders resistant to treatment. METHOD: Narrative review. RESULTS: We discuss conceptual aspects related to treatment resistance or refractoriness, predictors of poor treatment outcome

  6. Transtornos mentais comuns em educadores sociais

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Daniel Luiz Romero

    Full Text Available RESUMO Objetivo Investigar a presença de transtornos mentais comuns (TMC em Educadores Sociais de albergues e abrigos do município de São Paulo. Métodos A amostra foi composta por 104 orientadores socioeducativos, entre 18 e 60 anos (masculino e feminino, que prestam serviço para a Secretaria Municipal de Assistência e Desenvolvimento Social (SMADS. Utilizou-se um Questionário Sociodemográfico, além do Self Report Questionnaire (SRQ-20. Resultados Os dados demonstraram que há maior prevalência de mulheres nessa função, a maioria dos profissionais já passou por situações de risco no trabalho, 68,3% (71 sujeitos apresentaram índices que caracterizam a presença de TMC, e 40,4% das mulheres apresentam sintomas de TMC, enquanto o índice de TMC nos homens foi de 27,9%. Conclusões Neste cenário, observou-se que o público feminino é mais vulnerável à presença de TMC em relação ao público masculino.

  7. Review of literature of attention-deficit/hyperactivity disorder with comorbid eating disorders Revisão da literatura sobre a comorbidade do transtorno do déficit de atenção e hiperatividade com transtornos alimentares

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Bruno Palazzo Nazar

    2008-12-01

    Full Text Available OBJECTIVE: According to studies of prevalence, up to 70% of adults with attention deficit/hyperactivity disorder have at least one psychiatric comorbidity, which leads to diagnostic and therapeutic difficulties as well as more severe functional impairment. There is a paucity of data on the comorbidity of attention deficit/hyperactivity disorder and eating disorders. The objective of this study was to review the literature regarding the attention deficit/hyperactivity disorder/eating disorders comorbidity, performing a critical analysis of relevant data. METHOD: Articles in Medline, Lilacs, SciELO, ISI and PsycINFO databases from 1980 up to 2008, were searched. The references from the articles were used as additional sources of data. RESULTS: Fourteen articles were found: five prevalence studies, four case reports, three case-control studies, one symptom-assessment study of attention deficit/hyperactivity disorder and eating disorders, and one article regarding possible causes of the association between attention deficit/hyperactivity disorder and eating disorders. These articles suggested that adult women with attention deficit/hyperactivity disorder are at higher risk of developing eating disorders, especially bulimia nervosa. Bulimia Nervosa rates found in attention deficit/hyperactivity disorder groups ranged from 1% to 12%, versus 0% to 2% in control groups. CONCLUSIONS: Although there seems to be a relationship between attention deficit/hyperactivity disorder and eating disorders, the reduced number of studies available, with various methodologies, and small sample sizes limit the generalization of the findings.OBJETIVO: De acordo com os estudos de prevalência de comorbidades, até 70% dos adultos com transtorno do déficit de atenção e hiperatividade apresentam pelo menos uma comorbidade psiquiátrica, ocasionando dificuldades diagnósticas e terapêuticas, bem como um maior prejuízo funcional. Existem poucos estudos sobre a

  8. Transtornos de humor e de ansiedade comórbidos em vítimas de violência com transtorno do estresse pós-traumático Comorbid mood and anxiety disorders in victims of violence with posttraumatic stress disorder

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Lucas C. Quarantini

    2009-10-01

    Full Text Available OBJETIVO: Buscar estudos que avaliem a comorbidade entre transtorno de estresse pós-traumático e transtornos do humor, bem como entre transtorno de estresse pós-traumático e outros transtornos de ansiedade. MÉTODO: Revisamos a base de dados do Medline em busca de estudos publicados em inglês até abril de 2009, com as seguintes palavras-chave: "transtorno de estresse pós-traumático", "TEPT", "transtorno de humor", "transtorno depressivo maior", "depressão maior", "transtorno bipolar", "distimia", "transtorno de ansiedade", "transtorno de ansiedade generalizada", agorafobia", "transtorno obsessivo-compulsivo", "transtorno de pânico", "fobia social" e "comorbidade". RESULTADOS: Depressão maior é uma das condições comórbidas mais frequentes em indivíduos com transtorno de estresse pós-traumático, mas eles também apresentam transtorno bipolar e outros transtornos ansiosos. Essas comorbidades impõem um prejuízo clínico adicional e comprometem a qualidade de vida desses indivíduos. Comportamento suicida em pacientes com transtorno de estresse pós-traumático, com ou sem depressão maior comórbida, é também uma questão relevante, e sintomas depressivos mediam a gravidade da dor em sujeitos com transtorno de estresse pós-traumático e dor crônica. CONCLUSÃO: Os estudos disponíveis sugerem que pacientes com transtorno de estresse pós-traumático têm um risco maior de desenvolver transtornos afetivos e, por outro lado, transtornos afetivos pré-existentes aumentam a propensão ao transtorno de estresse pós-traumático após eventos traumáticos. Além disso, vulnerabilidades genéticas em comum podem ajudar a explicar esse padrão de comorbidades. No entanto, diante dos poucos estudos encontrados, mais trabalhos são necessários para avaliar adequadamente essas comorbidades e suas implicações clínicas e terapêuticas.OBJECTIVE: To review studies that have evaluated the comorbidity between posttraumatic stress

  9. O tratamento farmacológico do transtorno bipolar: uma revisão sistemática e crítica dos aspectos metodológicos dos estudos clínicos modernos The pharmacological treatment of bipolar disorder: a systematic and critical review of the methodological aspects of modern clinical trials

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Elie Cheniaux

    2011-03-01

    Full Text Available OBJETIVO: Revisar sistematicamente os principais estudos clínicos sobre o tratamento farmacológico do transtorno bipolar e fazer uma análise crítica de seus aspectos metodológicos. MÉTODO: Realizou-se uma busca nas bases de dados Medline, ISI e PsycINFO, utilizando-se os seguintes termos de busca: "bipolar", "randomized", "placebo" e "controlled". Foram selecionados estudos clínicos randomizados, duplo-cegos e controlados por placebo sobre o tratamento farmacológico do transtorno bipolar. Além disso, de acordo com os nossos critérios, as amostras deveriam ser de no mínimo 100 pacientes e a substância testada deveria ser usada como monoterapia. RESULTADOS: 34 artigos se adequaram aos critérios de seleção. Todas as substâncias atualmente indicadas para mania, depressão bipolar e para o tratamento de manutenção foram mais eficazes que o placebo em pelo menos um estudo. Todavia, esses estudos tiveram amostras altamente selecionadas, altas taxas de abandono e baixas taxas de resposta clínica. CONCLUSÃO: Os modernos estudos clínicos sobre o tratamento farmacológico do transtorno bipolar apresentam algumas importantes limitações metodológicas. Assim, seus resultados devem ser considerados com cautela.OBJECTIVE: To review systematically the main clinical trials on the pharmacological treatment of bipolar disorder and to make a critical analysis of their methodological aspects. METHOD: A search in Medline, ISI and PsycINFO databases was conducted, using the following search terms: "bipolar", "randomized", "placebo" e "controlled". Randomized, double-blind, placebo-controlled clinical trials on the pharmacological treatment of bipolar disorder were selected. Besides, according to our criteria, samples had to consist of at least 100 patients and experimental drug had to be used as monotherapy. RESULTS: 34 articles met our selection criteria. All drugs currently indicated for mania, bipolar depression and maintenance treatment of

  10. Transtornos alimentares: classificação e diagnóstico Classification and diagnosis of eating disorders

    OpenAIRE

    Táki Athanássios Cordás

    2004-01-01

    O presente artigo apresenta os critérios diagnósticos atuais dos transtornos alimentares: anorexia nervosa e bulimia nervosa. Os aspectos controversos da anorexia nervosa são discutidos.This article presents the current diagnostic criteria for eating disorders: anorexia nervosa and bulimia nervosa. The controversial aspects of anorexia nervosa are discussed.

  11. Mortalidade por transtornos mentais e comportamentais e a reforma psiquiátrica no Brasil contemporâneo - II: elementos para um debate

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fernando Portela Câmara

    2008-09-01

    Full Text Available O aumento da mortalidade na categoria dos transtornos mentais e comportamentais - face à redução progressiva das internações hospitalares promovida pela reforma psiquiátrica em curso - tem aquecido o debate entre os proponentes da reforma e parte da comunidade psiquiátrica brasileira. Neste artigo, analisa-se os argumentos dos reformistas.

  12. Terapia cognitivo-comportamental no transtorno de pânico

    OpenAIRE

    Manfro, Gisele Gus; Heldt,Elizeth; Cordioli, Aristides Volpato; Otto,Michael W.

    2008-01-01

    OBJETIVO: O transtorno de pânico é uma condição crônica e recorrente que prejudica a qualidade de vida e o funcionamento psicossocial dos portadores. Embora os medicamentos sejam efetivos na redução dos ataques de pânico, muitos pacientes não respondem adequadamente a essas intervenções. A terapia cognitivo-comportamental fornece um método alternativo eficaz para tratar transtorno de pânico e evitação agorafóbica. O objetivo do estudo é o de descrever o uso de técnicas cognitivo-comportamenta...

  13. Associação entre Transtorno Disfórico Pré-menstrual e Transtornos Depressivos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria Laura Nogueira Pires

    1999-06-01

    Full Text Available O Transtorno Disfórico Pré-menstrual (TDPM é caracterizado por uma constelação de sintomas emocionais e alterações comportamentais, que se manifesta com um padrão temporal cíclico em associação com o período pré-menstrual. A validade de uma categoria diagnóstica psiquiátrica distinta para TDPM ainda é uma questão controversa. Entretanto, inúmeros estudos têm documentado uma associação específica entre mudanças pré-menstruais e transtornos depressivos. A presente revisão tem como objetivo sintetizar os resultados a respeito da semelhança dos sintomas depressivos no TDPM e nos transtornos depressivos, co-morbidade, história familiar e variáveis biológicas. Evidências de que os sintomas pré-menstruais seriam expressão de vulnerabilidade ao desenvolvimento de estados disfóricos (depressão e ansiedade, assim como as implicações diagnósticas dessa proposta são comentados.Premenstrual Dysphoric Disorder (PMDD is characterised by a myriad of emotional symptoms and behavioural alterations, which occur with a cyclic temporal pattern associated with the pre-menstrual period. The validity of an isolated psychiatric diagnostic category for PMDD remains controversial. However, research results have been showing a specific association between pre-menstrual changes and depressive disorder. The present review has as objective to sintethise the results on similarity between depressive symptoms in PMDD and in the depressive disorders, comorbidity, family history and biological variables. Evidences suggesting that the pre-menstrual symptoms would be expression of a vulnerability to the development of dysphoric states (depression and anxiety as well as diagnostic implications of such proposals are discussed.

  14. Caracterização dos sintomas do Transtorno de Estresse Pós-Traumático (TEPT em meninas vítimas de abuso sexual Characterization of symptoms of Posttraumatic Stress Disorder (PTSD in girls victims of sexual abuse

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luísa Fernanda Habigzang

    2010-01-01

    Full Text Available O presente artigo descreve a presença de sintomas ou do diagnóstico do Transtorno do Estresse Pós-Traumático (TEPT em meninas vítimas de abuso sexual. Além disso, buscou-se comparar o uso de dois instrumentos de avaliação diagnóstica do TEPT infantil em duas amostras clínicas. No Estudo I (n=40 meninas, os sintomas foram avaliados através de uma entrevista clínica, baseada no DSM-IV/SCID/TEPT. E no Estudo II (n=15 meninas, através da versão brasileira da K-SADS-PL/TEPT. Os resultados apontaram semelhanças na presença do diagnóstico de TEPT nas duas amostras, próxima a 70%, apesar de os instrumentos indicarem diferenças específicas quanto à manifestação dos critérios C (evitação e entorpecimento e critério D (excitabilidade aumentada. Pequenas diferenças na estrutura e na forma de aplicação dos instrumentos foram observadas. Conclui-se que ambos se aplicam à pesquisa e à avaliação clínica do TEPT infantil.The present paper describes the presence of symptoms or diagnosis of Posttraumatic Stress Disorder (PTSD in girls victims of sexual abuse, through two clinical interviews. Moreover, the use of two instruments of assessment of child PTSD diagnosis in two clinical samples has been compared. In Study I (n=40 girls symptoms were assessed through clinical interview, based on DSM-IV/SCID/TEPT, and in Study II (n=15 girls through the Brazilian version of K-SADS-PL/TEPT. The results pointed out similarities concerning the presence of PTSD diagnosis in both samples, around 70%, although instruments showed specific differences concerning the manifestation of criteria C (avoidance and numbing and criteria D (excessive arousal. Small differences in the instruments' structure and application were observed. It has been concluded that both instruments can be applicable to research and to clinical assessment of child PTSD.

  15. Rejuvenecimiento periorbitario no invasivo Non-invasive periorbital rejuvenation

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    J. L. Muñóz del Olmo

    2008-03-01

    Full Text Available Cirujanos plásticos y médicos estéticos se esfuerzan por lograr resultados satisfactorios y estéticos que mejoren o suavicen el paso del tiempo a nivel facial, con un especial interés o énfasis en el área periorbitaria. Un gran número de pacientes consultan para mejorar esta zona, pero por diferentes motivos desean que los procedimientos que se les realicen sean poco invasivos y con resultados rápidos, permitiéndoles así incorporarse lo antes posible a sus actividades cotidianas. Es fundamental el conocimiento de las proporciones faciales y periorbitarias para lograr resultados naturales. El objetivo de la técnica que proponemos es lograr una bioestimulación local de la piel, restaurar los volúmenes y reducir las arrugas de expresión o dinámicas, consiguiendo así una apariencia relajada y juvenil en el paciente.Plastic surgeons and aesthetic doctors are making an effort to reach positive aesthetic results. Their aim is to soften the effects of age on facial features stressing in the periorbital area. Many patients come to improve their facial image on this area, but they are asking for non-invasive and fast procedures to keep on their daily life. It is indispensable the knowledge of facial and periorbital proportions to achieve a more natural effect. The aim of the technique exposed is to achieve a local bioestimulation on skin, to restore volumes and to reduce expression and dynamical wrinkles. The expected result is a relaxing, youthful appearance.

  16. Prevalência e determinantes precoces dos transtornos mentais comuns na coorte de nascimentos de 1982, Pelotas, RS Prevalencia y determinantes precoces de los trastornos mentales comunes en la cohorte de nacimientos de 1982, Pelotas, Sur de Brasil Prevalence and early determinants of common mental disorders in the 1982 birth cohort, Pelotas, Southern Brazil

    OpenAIRE

    Luciana Anselmi; Barros, Fernando C; Minten, Gicele C; Gigante, Denise P.; Horta, Bernardo L.; Victora, Cesar G.

    2008-01-01

    OBJETIVO: Estimar a prevalência de transtornos mentais comuns e sua associação com fatores de risco numa coorte de adultos jovens. MÉTODOS: Estudo transversal aninhado à coorte de nascimentos de 1982 de Pelotas, RS. Em 2004-5, 4.297 indivíduos foram entrevistados em visita domiciliar. A probabilidade de transtornos mentais comuns foi estimada pelo Self-Report Questionnaire. Os fatores de risco incluíram variáveis socioeconômicas, demográficas, perinatais e ambientais. A análise foi estratific...

  17. Representações sociais das famílias e dos usuários sobre participação de pessoas com transtorno mental Representaciones sociales de las familias y usuarios sobre su participación en el tratamiento de personas con trastorno mental Social representations of families and users about their participation in the treatment of persons with mental diseases

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria Salete Bessa Jorge

    2008-03-01

    Full Text Available O objetivo da pesquisa foi investigar as representações sociais das famílias e dos usuários dos serviços de saúde mental acerca de sua participação no tratamento de pessoas com transtorno mental severo. O estudo foi fundamentado na Teoria das Representações Sociais. Para a coleta de dados: teste de associação livre de palavras e entrevista com roteiro junto aos familiares e usuários de dois hospitais-dia, situados em Fortaleza-CE, Brasil. Conforme os resultados revelaram, os sujeitos da pesquisa consideram vantajoso o cuidado neste tipo de serviço e o apoio familiar essencial para o progresso no tratamento de pessoas com transtorno mental.El objetivo de la investigación fue investigar las representaciones sociales de las familias y usuarios de los servicios de salud mental respecto a su participación en el tratamiento de personas con trastorno mental severo. El estudio estuvo fundamentado en la Teoría de las Representaciones Sociales. Para la recolección de datos: test de asociación libre de palabras y entrevista con una guía a los familiares y usuarios de dos hospitales-dia, situados en Fortaleza-CE, Brasil. Conforme los resultados revelaron, los sujetos de la investigación consideran ventajoso el cuidado en este tipo de servicio y el apoyo familiar esencial para el progreso en el tratamiento de personas con trastorno mental.This study was aimed at investigating the social representations of families and users of mental health services regarding their participation in the treatment of persons with severe mental disease. The study was based on the Theory of Social Representations. Data collection was carried out through the application of a free association of words test and an interview with a script with relatives and users of two day-hospitals in Fortaleza, State of Ceará. The results showed that the subjects of the research consider the care in this kind of service beneficial and think that family support is essential

  18. Transtornos do humor em crianças e adolescentes: atualização para pediatras

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Antonio Carlos de Farias

    2011-10-01

    Full Text Available OBJETIVOS: Revisar aspectos epidemiológicos e etiológicos do diagnóstico e tratamento dos transtornos do humor em crianças e adolescentes, com foco em conteúdos essenciais para médicos pediatras. FONTES DOS DADOS: Revisão da literatura no banco de dados da MEDLINE. Utilização das recomendações da quarta edição do texto revisado do Manual Diagnóstico e Estatístico de Transtornos Mentais da Associação Americana de Psiquiatria. Análise crítica dos atuais critérios diagnósticos e teorias científicas sobre etiologia dos transtornos do humor. SÍNTESE DOS DADOS: Foram identificadas opiniões discordantes e congruentes sobre a efetividade de se utilizar os mesmos critérios atualmente listados no Manual Diagnóstico e Estatístico de Transtornos Mentais para diagnóstico de transtornos do humor em adultos, adolescentes e crianças. Embora esse tópico tenha sido muito debatido na literatura dos últimos 10 anos, a percepção é de que uma porcentagem significativa de casos continuam sendo subdiagnosticados devido à utilização dos mesmos critérios independente da faixa etária. Os diversos estudos epidemiológicos realizados na população infantil fundamentam-se nesses critérios para cálculos de prevalência, o que tornam duvidosos os números atualmente publicados. Embora a neurociência tenha alcançado grandes avanços no conhecimento dessas patologias, ainda é necessário um melhor entendimento sobre como os fatores genéticos e ambientais interagem e influenciam a origem, gravidade e resposta ao tratamento. CONCLUSÕES: Os transtornos do humor são patologias de alta prevalência na infância e adolescência, com grande impacto na vida dos portadores no longo prazo. Constatamos a necessidade de aprimorar os critérios diagnósticos, adequando-os à população infantil, com objetivo de facilitar ao clínico, particularmente ao pediatra, diagnóstico e intervenção precoce. Avanços na área de epigenética podem

  19. A abordagem evolucionista do transtorno de personalidade anti-social El enfoque evolucionista del Trastorno de Personalidad Anti-Social (TPAS) The evolutionary approach to the Antisocial Personality Disorder (ASPD)

    OpenAIRE

    Silvio José Lemos Vasconcellos; Gabriel José Chittó Gauer

    2004-01-01

    O principal objetivo do presente artigo é discutir a abordagem evolucionista do Transtorno de Personalidade Anti-Social (TPAS). São abordados os principais argumentos desenvolvidos no âmbito da Psicologia Evolucionista que tentam evidenciar o caráter adaptativo deste transtorno num ambiente primitivo de interação social. Ao longo do artigo, são enfocados os principais pressupostos vinculados ao paradigma evolucionista e suas implicações na compreensão filogenética de um dos transtornos que ma...

  20. Transtornos relacionados ao uso de álcool em 1901 pacientes atendidos no pronto socorro municipal de Taubaté no ano 2000: contribuição para educação sociocêntrica em neurologia

    OpenAIRE

    Ferri-de-Barros João E.; Winter Daniel Hugo; César Karolina Gouveia; Gavinier Leandro Camille dos Santos; Alencar Maurício José de; Faria Maria Carolina Soares de

    2004-01-01

    A educação médica deve privilegiar temas prevalentes; os transtornos relacionados ao álcool são um deles. Nosso objetivo foi determinar a freqüência dos transtornos relacionados ao consumo do álcool e verificar se um mesmo paciente apresentou mais de um transtorno, contribuindo para educação sociocêntrica. Foi estudo retrospectivo transversal em que foram analisadas as fichas de atendimento com relato de consumo de álcool, em pronto socorro, no ano 2000 (1901 casos). Os efeitos diretos do álc...

  1. O retorno da estimulação cerebral na terapêutica dos transtornos neuropsiquiátricos: o papel da estimulação magnética transcraniana na prática clínica The answer of the transcranial magnetic stimulation in the brain desordes: transcranial magnetic stimulation in the clinical practice

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Felipe Fregni

    2004-01-01

    Full Text Available Estimulação magnética transcraniana (EMT é uma nova técnica capaz de estimular o cérebro humano com algumas vantagens sobre as já existentes. A EMT é indolor, não-invasiva, simples de ser aplicada e, mais importante, é considerada de baixo risco para pesquisas em seres humanos. Essa nova ferramenta tem sido proposta para ser usada como tratamento de diversas doenças neurológicas e psiquiátricas. A EMT pode atuar modulando a excitabilidade cortical no cérebro humano. Portanto, essa técnica pode ser usada no tratamento de patologias cerebrais que cursem com alterações de excitabilidade cortical, como epilepsia, acidente vascular cerebral, distonia, doença de Parkinson, depressão e esquizofrenia. Alguns desses transtornos têm sido extensivamente estudados, tal como a depressão, porém os resultados ainda não permitem a aplicação desse método na prática clínica. Entretanto, no futuro, a EMT pode se tornar uma poderosa ferramenta na terapêutica em neuropsiquiatria. O objetivo do autor nesta revisão foi de apresentar os princípios básicos da EMT e discutir os resultados preliminares dos estudos publicados sobre o uso dessa técnica no tratamento das doenças psiquiátricas e neurológicas.Transcranial magnetic stimulation (TMS is a new technique capable of stimulating the brain with some advantages over existing ones. TMS is painless, non-invasive, simple to apply and, more importantly, it is considered of low risk for research in human. This new tool has been proposed to be used in several neurologic and psychiatric diseases. The mechanism of TMS action might be based on the modulation of cortical brain excitability. Therefore, brain disorders with cortical excitability dysfunction such as epilepsy, stroke, distonia, Parkinson disease, depression and schizophrenia may be benefited from this method. Some of these disorders have been extensively studied during the last decade - such as depression - but the results to date

  2. Transtornos do humor em crianças e adolescentes: atualização para pediatras

    OpenAIRE

    Antonio Carlos de Farias; Mara Lucia Cordeiro

    2011-01-01

    OBJETIVOS: Revisar aspectos epidemiológicos e etiológicos do diagnóstico e tratamento dos transtornos do humor em crianças e adolescentes, com foco em conteúdos essenciais para médicos pediatras. FONTES DOS DADOS: Revisão da literatura no banco de dados da MEDLINE. Utilização das recomendações da quarta edição do texto revisado do Manual Diagnóstico e Estatístico de Transtornos Mentais da Associação Americana de Psiquiatria. Análise crítica dos atuais critérios diagnósticos e teorias científi...

  3. Cerebellum and psychiatric disorders O cerebelo e os transtornos psiquiátricos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Leonardo Baldaçara

    2008-09-01

    Full Text Available OBJECTIVE: The objective of this update article is to report structural and functional neuroimaging studies exploring the potential role of cerebellum in the pathophysiology of psychiatric disorders. METHOD: A non-systematic literature review was conducted by means of Medline using the following terms as a parameter: "cerebellum", "cerebellar vermis", "schizophrenia", "bipolar disorder", "depression", "anxiety disorders", "dementia" and "attention deficit hyperactivity disorder". The electronic search was done up to April 2008. DISCUSSION: Structural and functional cerebellar abnormalities have been reported in many psychiatric disorders, namely schizophrenia, bipolar disorder, major depressive disorder, anxiety disorders, dementia and attention deficit hyperactivity disorder. Structural magnetic resonance imaging studies have reported smaller total cerebellar and vermal volumes in schizophrenia, mood disorders and attention deficit hyperactivity disorder. Functional magnetic resonance imaging studies using cognitive paradigms have shown alterations in cerebellar activity in schizophrenia, anxiety disorders and attention deficit hyperactivity disorder. In dementia, the cerebellum is affected in later stages of the disease. CONCLUSION: Contrasting with early theories, cerebellum appears to play a major role in different brain functions other than balance and motor control, including emotional regulation and cognition. Future studies are clearly needed to further elucidate the role of cerebellum in both normal and pathological behavior, mood regulation, and cognitive functioning.OBJETIVO: Este artigo de atualização tem como objetivo avaliar estudos em neuroimagem estrutural e funcional a fim de explorar o papel do cerebelo na patofisiologia dos transtornos psiquiátricos. MÉTODO: Uma revisão não sistemática foi realizada através do Medline utilizando-se como parâmetro os seguintes termos: "cerebellum", "cerebellar vermis", "schizophrenia

  4. Comorbidade entre bulimia e transtorno de personalidade borderline: implicações para o tratamento

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Bruno de Paula Rosa

    2011-06-01

    Full Text Available O estudo investiga o manejo clínico de pacientes com comorbidade entre transtorno alimentar e transtorno de personalidade borderline. Utilizou-se como estratégia metodológica o estudo de caso e o enfoque psicanalítico para análise dos dados. Após revisão teórica do tema, acompanha-se a evolução do tratamento por meio de vinhetas clínicas. Finalmente, postula-se o lugar do terapeuta como alguém que oferece um ambiente de confiança e acolhimento do sofrimento do paciente.

  5. Absenteísmo por transtornos mentais em trabalhadores de saúde em um hospital no sul do Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Leni de Lima Santana

    Full Text Available RESUMO Objetivo Descrever o perfil de adoecimento por transtornos mentais e comportamentais em trabalhadores de saúde de um hospital de ensino no sul do Brasil. Métodos pesquisa quantitativa, epidemiológica transversal retrospectiva cuja coleta de dados ocorreu por meio de documentos institucionais utilizados para alimentar o Sistema de Monitoramento da Saúde do Trabalhador de Enfermagem e envolveu todos os afastamentos ocorridos em 2011. Resultados Foram contabilizados 55 registros de afastamentos por Transtornos Mentais e Comportamentais que totalizaram 317 dias de absenteísmo. Os Técnicos de Enfermagem foram os profissionais mais afastados com o equivalente a 29,09% dos registros. As Unidades de Terapia Intensiva representaram os setores com o maior número de dias de absenteísmo, totalizando 81% e os Episódios depressivos obtiveram a frequência mais significativa, 52,72% dos transtornos mentais. Conclusão Os resultados evidenciaram que os transtornos mentais em trabalhadores de saúde constituem uma realidade preocupante que necessitam urgentemente de intervenções.

  6. Os transtornos da alimentação sob a ótica dos profissionais de enfermagem Los trastornos de la conducta alimentaria bajo la óptica de profesionales de enfermería Eating disorders under the optics of nursing staff

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Lucia Helena Grando

    2006-09-01

    Full Text Available OBJETIVOS: identificar as representações sociais da equipe de enfermagem acerca dos transtornos da alimentação. MÉTODOS: pesquisa qualitativa, descritiva, exploratória, na qual foram entrevistados 12 profissionais, cujos relatos foram analisados sob a ótica da representação social. RESULTADOS: os dados foram submetidos à análise de conteúdo, da qual emergiram duas categorias - "A construção do conhecimento" e "Campo das ações/sentimentos" que compreende temas como controle/limite, em que o sofrimento psíquico do trabalhador é mais evidente, principalmente na iminência do suicídio. DISCUSSÃO: as representações sociais dos profissionais mostram-se ancoradas num discurso médico-científico, numa interface com o conhecimento prático da vivência cotidiana. CONCLUSÃO: precisamos atentar para o conteúdo afetivo-simbólico que os indivíduos imprimem nas relações e cuidar de todos os envolvidos nesse processo.OBJETIVOS: identificar las representaciones sociales del equipo de enfermeros acerca de los trastornos de la conducta alimentaria. MÉTODOS: pesquisa cualitativa, descriptiva, exploratoria, en la cual fueron entrevistados 12 profesionales, cuyos relatos fueron analizados bajo la óptica de la representación social. RESULTADOS: la primera categoría de análisis, "La construcción del conocimiento" comprende síntomas físicos, psíquicos y factores psicosociales y la segunda, "Campo de las acciones/sentimientos", comprende temas como control /límite, donde el sufrimiento psíquico del trabajador es más evidente, sobretodo en la eminencia del suicidio. DISCUSIONES: las representaciones sociales de los trabajadores muestran-se ancladas en un discurso médico científico, en una integración con el conocimiento práctico de la vivencia cotidiana. CONCLUSIÓN: hay la necesidad de llamar la atención para el contenido afectivo-simbólico de las relaciones y cuidar de todos los enredados en estas.OBJECTIVES: to identify

  7. Transtorno do pânico Panic disorder

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Giovanni Abrahão Salum

    2009-01-01

    Full Text Available OBJETIVOS: Revisar o transtorno do pânico (TP, considerando seus aspectos clínicos, epidemiológicos, diagnósticos e etiológicos, bem como os avanços no tratamento, uma vez que o TP é uma entidade nosológica acompanhada de importante prejuízo psíquico e funcional. MÉTODO: Foi realizada uma revisão narrativa da literatura nas principais bases de dados existentes (MEDLINE, PsychINFO e SciELO e em livros-textos atualizados. RESULTADOS: Devido à sintomatologia predominantemente física desse transtorno, os pacientes geralmente procuram vários atendimentos clínicos até que o diagnóstico seja feito. Em função desses aspectos e da sua cronicidade, o TP está associado a elevados custos econômicos. O tratamento do TP pode ser feito com psicoterapia e/ou psicofármacos. As diversas abordagens terapêuticas são apresentadas com o nível de evidência de cada recomendação. Em virtude da cronicidade e morbidade do TP, pesquisas têm se voltado para o estudo de estratégias de prevenção já na infância. CONCLUSÕES: O TP é um transtorno crônico e com baixas taxas de remissão dos sintomas em longo prazo. Sendo assim, sugere-se que sejam delineados novos estudos para tratamento precoce dos transtornos de ansiedade ou mesmo para prevenção em crianças de risco.OBJECTIVE: To review panic disorder (PD considering its clinical, epidemiological, diagnostic, and etiologic aspects, as well as the advances in its treatment, since PD is a nosologic entity characterized by important psychiatric and functional impairment. METHODS: A review of the literature was carried out using the main databases available (MEDLINE, PsychINFO and SciELO and up-to-date textbooks. RESULTS: Due to the prevalence of physical symptoms in this disorder, patients usually have to seek clinical care for several times before the diagnosis is established. As a result of these aspects and because of its chronicity, PD is associated with high economic costs. PD

  8. Experiências dos familiares de pessoas com transtorno mental

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luana Idalino da Silva

    2014-01-01

    Full Text Available El objetivo fue conocer experiencias de familias de personas con trastorno mental en municipios de pequeño porte, en el Alto Sertão Paraibano, Brasil. Investigación exploratoria, cualitativa, llevada a cabo con 14 parientes. La recolección de datos se llevó a cabo en febrero y marzo de 2013, utilizando la técnica de historia oral de vida, basada en guión semiestructurado de preguntas. Para interpretación de los datos, se utilizó el análisis de contenido temático. Los resultados señalaron expresivo sufrimiento y dificultades de la familia en la atención a la persona con trastorno mental, ya que se sentían solos, a menudo sin apoyo familiar, político y profesional. La sobrecarga de estas familias fue destacada por enfermedades crónicas, uso de medicamentos y separación matrimonial. La mejora de los servicios de salud existentes y la formulación de políticas municipales podrán promover mejor calidad de vida a estas personas.

  9. Associação entre síndrome metabólica e transtornos mentais

    OpenAIRE

    Teixeira,Paulo José Ribeiro; Rocha, Fábio Lopes

    2007-01-01

    CONTEXTO: A síndrome metabólica (SM) é um transtorno de alta prevalência na população geral. Estudos que demonstram haver associação positiva entre doenças mentais e diabetes melito e a constatação dos efeitos adversos metabólicos dos psicofármacos levantam a hipótese de que a prevalência seja ainda maior em pacientes psiquiátricos. OBJETIVO: O objetivo desta revisão é avaliar os estudos epidemiológicos sobre a associação entre os transtornos mentais e a SM ou seus componentes. MÉTODOS: Foi r...

  10. Psicologia e educação inclusiva: ensino, aprendizagem e desenvolvimento de alunos com transtornos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Nerli Nonato Ribeiro Mori

    2016-01-01

    Full Text Available No presente texto, buscamos apontar e refletir sobre alguns limites e possibilidades da educação inclusiva com base em fundamentos da psicologia, discutindo aspectos relacionados ao ensino, à aprendizagem e ao desenvolvimento de alunos com transtornos. Qual a importância de incluir esse alunado no contexto escolar? É possível incluir todas as crianças? Com base em pressupostos da Teoria Histórico-Cultural, essas questões são pensadas sob a premissa de que a aprendizagem adequadamente organizada resulta em desenvolvimento. Trata-se de uma pesquisa teórica, na qual traçamos um panorama histórico da educação de pessoas com transtornos, buscando estabelecer uma relação entre psicologia, educação e inclusão. Concluímos que avançamos quanto aos aspectos normativos que garantem o acesso dos alunos com transtornos às classes comuns do ensino regular, mas há um longo caminho para a construção de uma escola realmente inclusiva, com práticas educativas voltadas para o máximo desenvolvimento do potencial desses alunos.

  11. Transtornos de personalidade em pacientes com fobia social Personality disorders in a sample of social phobics

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Tito Paes de Barros Neto

    2006-01-01

    Full Text Available O objetivo deste estudo foi investigar se outros transtornos de personalidade, além do transtorno de personalidade esquiva, ocorrem entre fóbicos sociais. Vinte e dois pacientes com diagnóstico de fobia social de acordo com os critérios do DSM-III-R foram avaliados através do Inventário Multifásico Minnesota de Personalidade (MMPI, da Entrevista Estruturada para Distúrbios de Personalidade do DSM-III-R (SIDP-R e do Exame do Estado Psíquico (PSE. Catorze pacientes (64% da amostra receberam pelo menos um diagnóstico de transtorno de personalidade - todos estes receberam o diagnóstico de transtorno de personalidade esquiva. Metade dos pacientes que recebeu o diagnóstico de transtornos de personalidade apresentou dois ou mais transtornos de personalidade. O transtorno de personalidade paranóide foi diagnosticado em seis pacientes (27%. Dez pacientes (46%, avaliados através do MMPI, apresentaram escore patológico na escala paranóia (Pa. Outros traços patológicos de personalidade foram observados nas escalas depressão (D, histeria (Hy e introversão-extroversão (Si do MMPI. Idéias de referência não-delirantes (IR do PSE ocorreram em 19 pacientes. O transtorno de personalidade paranóide foi diagnosticado com freqüência maior neste estudo do que na maioria dos estudos realizados com fóbicos sociais. Isso parece ter ocorrido por sobreposição de critérios diagnósticos pouco específicos e também por auto-referência e traços paranóides de personalidade, como hipersensibilidade e preocupação com a opinião alheia.The aim of this study was to investigate if other comorbid personality disorders, other than avoidant personality disorder, occur among social phobics. Twenty-two patients with a social phobia diagnosis according to DSM-III-R criteria were evaluated by using the Minnesota Multiphasic Personality Inventory (MMPI, the Structured Interview for DSM-III-R Personality Disorders (SIDP-R and the Present State

  12. Using selected scenes from Brazilian films to teach about substance use disorders, within medical education Usando cenas selecionadas de filmes brasileiros para ensino a respeito dos transtornos relacionados ao uso de substâncias, na educação médica

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    João Mauricio Castaldelli-Maia

    2012-01-01

    Full Text Available CONTEXT AND OBJECTIVES: Themes like alcohol and drug abuse, relationship difficulties, psychoses, autism and personality dissociation disorders have been widely used in films. Psychiatry and psychiatric conditions in various cultural settings are increasingly taught using films. Many articles on cinema and psychiatry have been published but none have presented any methodology on how to select material. Here, the authors look at the portrayal of abusive use of alcohol and drugs during the Brazilian cinema revival period (1994 to 2008. DESIGN AND SETTING: Qualitative study at two universities in the state of São Paulo. METHODS: Scenes were selected from films available at rental stores and were analyzed using a specifically designed protocol. We assessed how realistic these scenes were and their applicability for teaching. One author selected 70 scenes from 50 films (graded for realism and teaching applicability > 8. These were then rated by another two judges. Rating differences among the three judges were assessed using nonparametric tests (P 8 were defined as "quality scenes". RESULTS: Thirty-nine scenes from 27 films were identified as "quality scenes". Alcohol, cannabis, cocaine, hallucinogens and inhalants were included in these. Signs and symptoms of intoxication, abusive/harmful use and dependence were shown. CONCLUSIONS: We have produced rich teaching material for discussing psychopathology relating to alcohol and drug use that can be used both at undergraduate and at postgraduate level. Moreover, it could be seen that certain drug use behavioral patterns are deeply rooted in some Brazilian films and groups.CONTEXTO E OBJETIVOS: Temas como o abuso de álcool e drogas, dificuldades nos relacionamentos, psicoses, autismo e transtornos de personalidade são largamente usados em filmes. Os filmes têm sido cada vez mais utilizados para ensinar psiquiatria e condições psiquiátricas em diferentes ambientes culturais. Existem muitos artigos

  13. Convivendo com transtorno mental: perspectiva de familiares sobre atenção básica

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Michelle Caroline Estevam

    2011-06-01

    Full Text Available Trata-se de um estudo qualitativo cujo objetivo foi identificar o atendimento que é oferecido aos familiares de portadores de transtornos mentais nas Unidades Básicas de Saúde (UBSs e compreender o cotidiano da família do portador de transtorno mental. Os dados foram coletados no período de maio a junho de 2007, por meio de entrevistas semi-estruturadas e observação de cinco famílias nos respectivos domicílios. Os dados foram submetidos à análise temática que gerou duas categorias: 1 o transtorno mental na perspectiva da família e a relação com serviço de saúde; 2 convivendo com a doença mental. Os resultados corroboram a importância de, em casos de transtorno mental, ter a família como cliente do processo de cuidado, e a necessidade do preparo dos profissionais para suprir as necessidades das pessoas que freqüentam estes serviços.

  14. AVALIAÇÃO DO RISCO DE DESENVOLVIMENTO DE TRANSTORNOS ALIMENTARES EM ALUNAS DO ENSINO MÉDIO DE ESCOLAS PARTICULARES, ARACAJU - SE

    OpenAIRE

    MARIA DE FáTIMA MELO SILVEIRA; MAIARA MAIA MOREIRA; TALITA KIZZY BARBOSA BARRETO; ALINE MOTA DE BARROS MARCELLINI; PAULO SéRGIO MARCELLINI

    2009-01-01

    Os transtornos alimentares são quadros psiquiátricos caracterizados por uma grave perturbação do comportamento alimentar, sendo a Anorexia e Bulimia Nervosa os dois tipos principais, os quais afetam principalmente adolescentes femininas e adultas jovens. O objetivo do trabalho foi avaliar o risco de alunas do ensino médio em escolas particulares de Aracaju-SE de desenvolverem transtornos alimentares dos tipos Anorexia e Bulimia Nervosa. Utilizou-se um questioná...

  15. Co-ocorrência entre transtorno de déficit de atenção/hiperatividade e uso de substâncias psicoativas

    OpenAIRE

    Szobot,Claudia M.; Romano,Marcos

    2007-01-01

    Existe forte associação entre o transtorno de déficit de atenção/hiperatividade (TDAH) e o transtorno por uso de substâncias psicoativas (TUSP) em estudos clínicos e comunitários. Estimam-se que aproximadamente 30% dos sujeitos com TUSP apresentem comorbidade com o TDAH, taxa significativamente maior do que a vista na população geral. Vários estudos vêm analisando o possível efeito do TDAH no risco de desenvolvimento de TUSP. O presente artigo revisa a literatura disponível às seguintes quest...

  16. Neurobiologia do transtorno de humor bipolar e tomada de decisão na abordagem psicofarmacológica

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Machado-Vieira Rodrigo

    2003-01-01

    Full Text Available O Transtorno do Humor Bipolar (THB caracteriza-se por oscilações do humor que causam prejuízos significativos no âmbito biopsicossocial. O interesse da comunidade científica por este transtorno vem aumentando nos últimos cinco anos em função de sua crescente prevalência associada ao refinamento diagnóstico, à ampliação do arsenal terapêutico e ao conhecimento dos avanços nas pesquisas da neurobiologia do transtorno. A presente revisão aborda questões diagnosticas e terapêuticas aplicadas à neurobiologia dos THB, relacionando-as diretamente à terapêutica dos quadros de mania, hipomania, estados mistos, depressão bipolar e ciclagem rápida, da infância à idade adulta. São revisados criticamente importantes estudos realizados com diferentes fármacos potencialmente eficazes como estabilizadores do humor, nos diversos subdiagnósticos do THB. São analisados fármacos, tais como o lítio, anticonvulsivantes, antipsicóticos, benzodiazepínicos, bloqueadores dos canais de cálcio e hormônio tireoideo, bem como as possíveis bases biológicas para seus efeitos terapêuticos. Em síntese, este trabalho aborda os avanços da psicofarmacologia cuja eficácia é comprovada nos subtipos do THB, procurando relacioná-los com a neurobiologia deste transtorno.

  17. Transtornos mentais e pobreza no Brasil: uma revisão sistemática

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Dilma Ferreira da SILVA

    2012-12-01

    Full Text Available Os transtornos mentais são tidos como condições clinicamente significativas caracterizadas por alterações do modo de pensar e do humor ou por comportamentos associados com angústia e/ou deterioração do funcionamento pessoal. Objetivo: Avaliar a relação entre transtornos mentais e situação de pobreza no Brasil apresentada em estudos científicos. Método: Revisão sistemática da literatura científica referente ao período de 2004 a 2009 em busca integrada na Biblioteca Virtual em Saúde - BVS. Resultados: Os estudos pesquisados apontaram uma associação entre os transtornos mentais comuns e fatores associados à pobreza. Grande parte dos estudos referem-se às mulheres como a população mais acometida pelos TMC. Verificou-se também essa associação na população infantil. Conclusão: As desigualdades sociais no Brasil foi associada a problemas de saúde mental na população. Fatores como baixa escolaridade e gênero feminino quando associados à pobreza aumentam a prevalência de TMC. Mulheres apresentam maior prevalência de transtornos mentais comuns. A situação econômica compromete igualmente a saúde mental infantil. A divergência de critérios para classificar pobreza pelos autores é um fator que enfraquece a comparação entre os estudos.

  18. Monitoramento não invasivo baseado na biorreatância revela instabilidade hemodinâmica significativa durante cesárea eletiva sob raquianestesia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Anne Doherty

    2011-06-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: O monitoramento da pressão arterial oferece uma compreensão limitada das consequências hemodinâmicas da raquianestesia para cesariana. O objetivo deste estudo foi avaliar, com o auxílio do monitor de débito cardíaco não invasivo baseado na biorreatância, as alterações hemodinâmicas durante cesariana eletiva sob raquianestesia, na qual doses intermitentes de fenilefrina foram utilizados para prevenir e tratar a hipotensão. MÉTODOS: Este estudo observacional foi realizado após aprovação da comissão de ética na pesquisa e assinatura do consentimento informado. Pacientes saudáveis marcadas para cesariana eletiva sob raquianestesia foram avaliadas. Doses intermitentes de fenilefrina foram administrados para manter a pressão arterial sistólica nos níveis basais e as pacientes foram avaliadas com o monitor de débito cardíaco não invasivo baseado na biorreatância. Os dados hemodinâmicos foram colhidos continuamente no momento basal e durante os períodos pós-raquianestesia e pós-nascimento do feto. Os dados foram analisados usando ANOVA para modelos mistos e um p < 0,05 foi considerado significativo. RESULTADOS: A pressão arterial sistólica foi mantida entre 79,2% ± 14,2 e 105,9% ± 10,0 dos valores basais durante o período pós-raquianestesia e 78,4% ± 11,13 e 100,9% ± 10,7 dos valores basais no período pós-nascimento do feto (média ± DP. Flutuações significativas foram observadas na pressão arterial sistólica, frequência cardíaca e débito cardíaco no período pós-nascimento. CONCLUSÕES: Um novo monitor não invasivo, baseado na biorreatância, revelou flutuações hemodinâmicas significativas durante a cesariana sob raquianestesia, a despeito das tentativas de manter a pressão arterial nos níveis basais com doses intermitentes de fenilefrina.

  19. Transtornos alimentares em escolares Eating disorders in school children

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    João E. M Vilela

    2004-02-01

    Full Text Available OBJETIVO: Este trabalho investiga a freqüência de possíveis transtornos da alimentação e comportamentos alimentares inadequados em crianças e adolescentes de seis cidades do interior de Minas Gerais, uma vez que a maioria dos autores afirma uma prevalência maior em países desenvolvidos. MÉTODOS: Este é um estudo transversal onde foram aplicadas as auto-escalas BITE (Teste de Investigação Bulímica de Edinburgh, EAT (Teste de Atitudes Alimentares e Teste de Imagem Corporal em 1.807 estudantes de escolas públicas do Ensino Fundamental e Médio, com idade entre 7 e 19 anos. RESULTADOS: De acordo com a auto-escala EAT, 241 alunos (13,3% apresentaram possíveis transtornos de alimentação, com predominância significativa do sexo feminino. E, segundo a auto-escala BITE, 19 estudantes (1,1% apresentaram um escore compatível com bulimia nervosa. Encontramos 1.059 alunos (59% insatisfeitos com sua imagem corporal, 731 alunos (40% em uso de dieta para emagrecer e 1.014 alunos (56% que praticavam atividade física com a finalidade de perder peso. Os episódios bulímicos foram encontrados em 218 alunos (12%, e 175 alunos (10% utilizavam métodos purgativos para perder peso. CONCLUSÕES: Este estudo mostra uma alta prevalência de possíveis transtornos alimentares na população estudada, assim como comportamentos alimentares inadequados, principalmente em adolescentes do sexo feminino. Os resultados são semelhantes aos encontrados nos países considerados desenvolvidos. Concluímos que esses achados são relevantes para a clínica da criança e do adolescente e que podem proporcionar futuros trabalhos onde poderemos compreender melhor os possíveis fatores de risco para esses transtornos da alimentação.OBJECTIVE: To determine the prevalence of possible eating disorders and inappropriate eating behaviors in school children from six municipalities in the state of Minas Gerais, Brazil. METHODS: Cross-sectional study. The Bulimic

  20. Emetofobia: revisão crítica sobre um transtorno pouco estudado

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Carlos Eduardo Paula Leite

    2011-01-01

    Full Text Available INTRODUÇÃO: A emetofobia ou fobia de vômitos - que inclui o medo excessivo de vomitar ou de ver outras pessoas vomitando e pode ser desencadeado por estímulos internos e externos - é um transtorno mental complexo e pouco conhecido. OBJETIVO: Este estudo teve como objetivo levantar os conhecimentos disponíveis sobre diversos aspectos do quadro. MÉTODO: Revisão convencional da literatura dos últimos 30 anos utilizando como estratégia de busca as seguintes palavras-chave: "emetofobia", "emetofóbico", "medo de vomitar", "fobia de vomitar" e"fobia de vômito". Foram incluídos artigos sobre epidemiologia, fenomenologia, diagnóstico diferencial e tratamento da emetofobia, assim como artigos referidos nestes. RESULTADOS: Não há dados de prevalência na população geral e pouco se sabe sobre a etiologia da emetofobia. A maioria dos estudos aponta predominância no sexo feminino, início precoce e curso crônico. Os comportamentos de esquiva podem impactar negativamente a vida ocupacional, social e familiar. Os principais diagnósticos diferenciais são: transtorno de pânico com agorafobia, fobia social, anorexia nervosa e transtorno obsessivo-compulsivo. Estudos de tratamento se resumem a relatos de casos e não há ensaios clínicos controlados, mas intervenções cognitivo-comportamentais parecem ser promissoras. CONCLUSÃO: Mais estudos são necessários para melhor compreensão sobre a epidemiologia, o quadro clínico, a etiologia, a classificação e o tratamento da emetofobia.

  1. Transtorno de estresse pós-traumático em dependente do álcool Post-traumatic stress disorder and alcoholism

    OpenAIRE

    Gilda Pulcherio; Carmen Vernetti; Marlene Neves Strey; Sibele Faller

    2008-01-01

    CONTEXTO: Os transtornos comórbidos entre dependentes químicos têm se mostrado a regra e não a exceção. O transtorno de estresse pós-traumático (TEPT) é um transtorno de ansiedade que se desenvolve após evento traumático, com importante sintomatologia. Quase 100% dos dependentes químicos que procuram tratamento relatam história de traumas, e as prevalências de TEPT têm variado entre 30% e 60%. Entre os alcoolistas, as prevalências de TEPT variam de 10% a 40%. Apesar das altas prevalências, ta...

  2. A influência do afastamento por acidente de trabalho sobre a ocorrência de transtornos psíquicos e somáticos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Elizabethe Cristina Borsonello

    Full Text Available O presente estudo teve como objetivo verificar a associação entre o afastamento por acidente de trabalho e a ocorrência de ansiedade e de depressão, averiguando se houve desencadeamento de transtornos somáticos e/ou transtornos nas relações sociais dos indivíduos. Em todos os casos estudados, constatamos que houve aumento significativo de sintomas após o afastamento e que o retorno ao trabalho foi impossibilitado devido à persistência da patologia e ao desenvolvimento de outras manifestações. Assim, o afastamento pôde ser considerado um estímulo estressor, pois além de causar transtornos psíquicos provocou alterações orgânicas.

  3. Terapia cognitivo-comportamental em grupo e sertralina no tratamento do transtorno obsessivo-compulsivo

    OpenAIRE

    Marcelo Basso de Sousa

    2005-01-01

    Fundamentação: A terapia cognitivo-comportamental em grupo (TCCG) e os inibidores da recaptação da serotonina (IRS) apresentam eficácia comprovada em reduzir os sintomas do transtorno obsessivo-compulsivo (TOC). Ainda é uma questão em aberto qual destas modalidades de tratamento é a mais efetiva. Este estudo foi conduzido para avaliar a eficácia da TCCG em relação à da sertralina na redução dos sintomas do TOC. Metodologia: Cinqüenta e seis pacientes com diagnóstico de TOC, de acordo com os c...

  4. Pesquisas com famílias de portadores de transtorno mental

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Sueli Aparecida Frari Galera

    2011-08-01

    Full Text Available A finalidade deste trabalho é apresentar uma reflexão crítica sobre os conhecimentos produzidos acerca dos temas: o impacto do transtorno mental na família, o impacto do ambiente familiar na evolução dos transtornos e a experiência da família com o adoecimento mental. As medidas de sobrecarga e de emoção expressa são úteis para orientar políticas públicas e a prática profissional, porém não nos dão um quadro multidimensional da experiência do cuidado. Pesquisas sobre a experiência familiar contribuem para a compreensão do sofrimento presente nesta experiência e das formas de enfrentamento adotadas pelas famílias, contribuindo também para percebermos as diferenças dos contextos culturais no enfrentamento das famílias.

  5. Corpo e palavra: grupo terapêutico para pessoas com transtornos alimentares

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Daniel Magalhães Goulart

    2012-12-01

    Full Text Available Transtornos alimentares constituem relações problemáticas com a alimentação e a imagem de si. Seu tratamento deve contemplar múltiplas estratégias, inclusive a abordagem grupal. Este estudo teve como objetivos desenvolver reflexões sobre a grupoterapia com pessoas com transtornos alimentares atendidas em serviço especializado e investigar a dinâmica psicológica dos pacientes atendidos, a partir de ressonâncias contratransferenciais. Foram analisados registros de observação anotados em diário de campo ao longo de 21 encontros grupais consecutivos. O material foi submetido à análise de conteúdo na modalidade temática. Os resultados foram estruturados em três eixos temáticos: vivências impactantes mobilizadas no contato com os pacientes; demanda de ajuda dos pacientes para encontrarem as palavras perdidas, como via de acesso à representabilidade dos afetos elididos do espaço mental pela operação de desafetação; sentimentos contratransferenciais vivenciados pelo pesquisador. Foram discutidas as implicações para o tratamento, visando à busca de estratégias capazes de proporcionar um ambiente terapêutico que facilite a integração psicossomática.

  6. Transtornos psiquiátricos no pós-parto Postpartum psychiatric disorders

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Amaury Cantilino

    2010-01-01

    Full Text Available OBJETIVO: O pós-parto é um período de alterações biológicas, psicológicas e sociais. Essa é considerada a época mais vulnerável para a ocorrência de transtornos psiquiátricos. A disforia puerperal, a depressão pós-parto e a psicose pós-parto têm sido classicamente relacionadas ao pós-parto. Atualmente, tem sido observado que os transtornos ansiosos também estão associados a esse período. MÉTODO: Neste artigo é feita uma revisão da bibliografia acerca de transtornos psiquiátricos no pós-parto a partir de artigos encontrados no PubMed e no SciELO entre os anos de 2000 e 2009. Livros, teses e outros artigos considerados relevantes citados no material consultado também foram incluídos. RESULTADOS: A disforia puerperal ocorre em 50% a 85% das mulheres, o quadro é leve e transitório e não requer tratamento. A depressão pós-parto tem prevalência em torno de 13%, pode causar repercussões negativas na interação mãe-bebê e em outros aspectos da vida da mulher e deve ser tratada. A psicose pós-parto é rara, aparecendo em cerca de 0,2% das puérperas. Tem quadro grave que envolve sintomas psicóticos e afetivos, havendo risco de suicídio e infanticídio e geralmente requerendo internação hospitalar. Os transtornos ansiosos podem ser exacerbados ou precipitados no pós-parto, especialmente o transtorno de ansiedade generalizada, o transtorno de estresse pós-traumático e o transtorno obsessivo-compulsivo. CONCLUSÃO: Apesar de não serem reconhecidos como entidades diagnósticas pelos sistemas classificatórios atuais, os transtornos mentais no puerpério apresentam peculiaridades clínicas que merecem atenção por parte de clínicos e pesquisadores.OBJECTIVE: The postpartum period is marked by biological, psychological and social changes. Women are considered most susceptible to psychiatric disorders during the postpartum period. Puerperal blues, postpartum depression and postpartum psychosis have been

  7. Família e transtornos alimentares: as representações dos profissionais de enfermagem de uma instituição universitária de atenção à saúde mental Familia y trastornos alimenticios: las representaciones de los profesionales de enfermería de un hospital de salud mental Family and eating disorders: representations among nursing staff at a mental health university hospital

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Lucia Helena Grando

    2005-12-01

    Full Text Available O estudo é qualitativo, de caráter descritivo, cujo recorte se constitui na questão da família da pessoa com transtorno alimentar. Portanto, buscou-se contextualizar essa temática e apreender, dos relatos dos profissionais entrevistados, as representações acerca da família desses pacientes e sua influência na gênese e no desenvolvimento da doença. Inicialmente, os dados apontaram para representações da família como um grupo social primário que faz cobranças e que, como elemento formador, tem participação na origem do distúrbio. Posteriormente, o tema família surge mais encaminhado para a compreensão da mesma como elemento mantenedor do transtorno alimentar, na qual os limites pouco definidos entre os membros conturbam a relação, evidenciando muitas vezes a alteração na hierarquia: os pais passam a ser controlados pelo filho.Este estudio es cualitativo, de carácter descriptivo, cuyo recorte es la familia de la persona con trastorno alimenticio. Para tanto, se buscó contextualizar tal temática y aprehender, de los relatos de los profesionales entrevistados, las representaciones a cerca de la familia de esos pacientes y su influencia en la génesis y desarrollo de la enfermedad. Inicialmente, los datos apuntaron hacia representaciones de la familia como un grupo social primario que hace cobranzas y que, como instancia formadora, tiene participación en el origen del disturbio. Posteriormente, el tema familia surge destinada a la comprensión de la misma, como elemento de manutención del trastorno alimenticio, en la cual los límites poco definidos entre los miembros turban la relación, evidenciando muchas veces alteración en la jerarquía: los padres pasan a ser controlados por el hijo.This qualitative and descriptive study takes the family of patients with eating disorders as a starting point. We aimed to contextualize this theme and apprehend, from the reports of interviewed professionals, their representations

  8. Concepções de professoras de ensino fundamental sobre os transtornos de aprendizagem

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Thaís dos Santos Gonçalves

    2014-06-01

    Full Text Available Objetivo investigar as concepções de professoras de ensino fundamental sobre as Dificuldades Escolares, o Distúrbio de Aprendizagem e a Dislexia. Métodos este é um estudo transversal, realizado com 31 professoras do ensino fundamental de uma cidade do interior do estado de São Paulo. Realizou-se um levantamento por meio de questionário com questões dissertativas. O questionário apresenta questões referentes ao conhecimento do professor em relação à definição, causa e manifestações dos Transtornos de Aprendizagem. Os dados foram analisados quantitativamente por meio da análise comparativa, utilizando-se o teste estatístico Qui-Quadrado, comparando-se o conhecimento de professores de escola pública e particular, e entre os professores com e sem conhecimento prévio sobre o assunto. Adotou-se o nível de significância de 5%. Resultados de maneira geral, as professoras demonstraram dificuldades para definir os transtornos, atribuir suas causas e pontuar as manifestações dos mesmos. Separando-se as professoras pelo tipo de escolas (pública e particular e pelo conhecimento prévio sobre o assunto, não foi observada diferença estatisticamente significante na maioria das respostas. Conclusão as professoras possuem carência em seu repertório conceitual no que se refere às Dificuldades Escolares, os Transtornos de Aprendizagem e a Dislexia, e, portanto, precisam de orientação em relação ao trabalho efetivo com estes alunos.

  9. Eletrencefalografia quantitativa no transtorno obsessivo-compulsivo: resultados preliminares

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    FONTENELLE LEONARDO

    2000-01-01

    Full Text Available Investigamos o valor preditivo de variáveis da eletrencefalografia quantitativa (EEGq sobre a resposta ao tratamento farmacológico do transtorno obsessivo-compulsivo (TOC. Foram estudados 10 pacientes com TOC, segundo critérios da DSM-IV, inicialmente não medicados. As seguintes variáveis eletrencefalográficas foram selecionadas: potência relativa bipolar na faixa alfa para os eletrodos Cz-C3, Cz-C4, T3-T5, T4-T6, T3-F7 e T4-F8, potência relativa bipolar na faixa teta para os eletrodos Cz-C3, Cz-C4, T3-T5, T4-T6, T3-F7 e T4-F8 e potência relativa monopolar na faixa teta para os eletrodos Fp1, Fp2, F7, F3, Fz, F4 e F8. Dos 10 pacientes examinados, 5 apresentaram desvios estatisticamente significativos da potência relativa bipolar na faixa alfa em regiões centrais, quando comparados com o banco normativo de dados (grupo controle. Os demais não apresentaram desvios com significado estatístico. O grupo de pacientes com alterações eletrencefalográficas se caracterizou por idade de início do TOC significativamente mais precoce e pior resposta ao tratamento com inibidores da recaptação da serotonina.

  10. Clinical expression of obsessive-compulsive disorder in women with bipolar disorder Expressão clínica do transtorno obsessivo-compulsivo em uma amostra de mulheres com transtorno de humor bipolar

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cilly Klüger Issler

    2005-06-01

    retrospective non-controlled design.RESUMO OBJETIVO: Estudar características clínicas e psicopatológicas do transtorno obsessivo-compulsivo (TOC em mulheres com transtorno de humor bipolar (THB. MÉTODOS: Foram estudadas, retrospectivamente, 15 pacientes ambulatoriais com diagnósticos simultâneos de transtorno de humor bipolar I (80,0% ou II (20,0% e transtorno obsessivo-compulsivo. A maioria havia buscado tratamento para transtorno de humor bipolar (80,0%. A avaliação constou da Entrevista Clínica Estruturada para o DSM-IV (SCID/P, de entrevistas semi-estruturadas para pesquisa de obsessões, compulsões e fenômenos sensoriais que podem preceder as compulsões e de módulo adicional para diagnóstico de tiques motores e vocais crônicos. A gravidade dos sintomas foi investigada através das seguintes escalas: Escala Yale-Brown para Sintomas Obsessivo-Compulsivos, Escala de Avaliação para Depressão de Hamilton e Escala de Avaliação de Mania de Young. RESULTADOS: O transtorno obsessivo-compulsivo teve início precoce em nove (60% casos, instalou-se antes do transtorno de humor bipolar em 10 (66,7% e teve curso crônico flutuante em 13 (86,7%. Houve ampla superposição de tipos de sintomas obsessivo-compulsivos e todas as pacientes apresentaram fenômenos sensoriais precedendo as compulsões. Não houve padrão definido no impacto dos episódios depressivos e maníacos na intensidade dos sintomas obsessivo-compulsivos. Estes aumentaram na depressão e diminuíram na mania em 40,0% dos casos; tiveram o comportamento inverso em 26,7% das pacientes e oscilaram de forma inconsistente nas demais. Diagnosticou-se comorbidade com transtorno de tiques em cinco (33,3% casos. CONCLUSÕES: Nossos resultados sugerem que, em mulheres com comorbidade de transtorno de humor bipolar e transtorno obsessivo-compulsivo, este último apresente características que talvez sejam específicas da associação dos dois transtornos, tais como instalação precoce e presença de fen

  11. Processamento cognitivo "Teoria da Mente" no transtorno bipolar Cognitive "Theory of Mind" processing in bipolar disorder

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Hélio Anderson Tonelli

    2009-12-01

    Full Text Available OBJETIVO: O transtorno afetivo bipolar está associado ao comprometimento funcional persistente. Apesar de muitas pesquisas demonstrarem que bipolares podem apresentar déficits cognitivos, um número menor de trabalhos avaliou o papel de prejuízos no processamento cognitivo social, a Teoria da Mente (relacionado à capacidade de inferir estados mentais, no aparecimento de sintomas e complicações sociais em bipolares. O objetivo deste trabalho é o de revisar sistemática e criticamente a literatura sobre possíveis alterações do processamento Teoria da Mente no transtorno afetivo bipolar. MÉTODO: Foi realizada uma busca na base de dados Medline por trabalhos publicados em língua inglesa, alemã, espanhola ou portuguesa nos últimos 20 anos, utilizando a frase de busca "Bipolar Disorder"[Mesh] AND "Theory of Mind". Foram procurados por estudos clínicos envolvendo indivíduos bipolares e que empregaram uma ou mais tarefas cognitivas desenvolvidas para a avaliação de habilidades Teoria da Mente. Foram excluídos os relatos de caso e cartas ao editor. A busca inicial resultou em cinco artigos, sendo selecionados quatro. Outros quatro foram também selecionados a partir da leitura dos artigos acima. DISCUSSÃO: Os artigos selecionados avaliaram populações de bipolares adultos e pediátricos, incluindo indivíduos eutímicos, maníacos e deprimidos. A maioria dos trabalhos avaliados sugere que existam prejuízos no processamento Teoria da Mente em portadores de transtorno afetivo bipolar e que estes podem estar por trás dos sintomas e dos déficits funcionais do transtorno afetivo bipolar. CONCLUSÃO: Pesquisas futuras a respeito do tema em questão poderão esclarecer muito acerca do papel das alterações sociocognitivas no surgimento dos sintomas do transtorno afetivo bipolar, bem como ajudar no desenvolvimento de estratégias preventivas e terapêuticas do mesmo.OBJECTIVE: Bipolar disorder is associated to persistent functional

  12. Estilos, traços e transtornos da personalidade: inter-relações e diferenças associadas ao sexo

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Caballo, Vicente E.

    2009-01-01

    Full Text Available A pesquisa da estrutura básica da personalidade é um tema relevante e nos últimos anos as investigações tem se centrado no modelo dos cincos grandes fatores. Este trabalho investiga as relações que existem entre a personalidade normal e a patológica, e entre as relações dos cinco grandes fatores e os transtornos da personalidade do DSM-IV. A amostra foi de 545 universitários. Os instrumentos utilizados foram o Questionário Big Five, o Questionário exploratório da Personalidade e o Inventário Clínico Multiaxial de Millon-II. Os resultados mostram que três fatores, Extroversão, Estabilidade Emocional e Amabilidade, se relacionam significativamente com alguns transtornos. Os homens pontuaram significativamente mais alto que as mulheres nos fatores como Extroversão, Estabilidade Emocional e em os transtornos Anti-social, Narcisista e Sádico. As mulheres tinham pontuações superiores no fator de Amabilidade e nos transtornos Limítrofe, Dependente e Depressivo. São discutidas as implicações desses resultados para a prática clínica

  13. Transtornos alimentares e os espectros do humor e obsessivo-compulsivo Eating disorders and the mood and obsessive-compulsive spectrum

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Leonardo F Fontenelle

    2002-12-01

    Full Text Available Revisamos os estudos clínicos e biológicos que sugerem que os transtornos alimentares (TA são expressões fenotípicas de outros transtornos psiquiátricos e parte de espectros de psicopatologia, em especial dos espectros dos transtornos do humor e do transtorno obsessivo-compulsivo. A investigação da relação entre os TA e outros transtornos psiquiátricos através dos modelos espectrais pode proporcionar um melhor entendimento da fisiopatologia destas síndromes e a elaboração de tratamentos mais eficazes. Entretanto, o reconhecimento de que os TA possuem características peculiares e a adoção de uma postura crítica em relação a modelos que eliminam limites diagnósticos são também fundamentais para a evolução do conhecimento no campo.We reviewed the clinical and biological studies which have suggested that eating disorders (ED are phenotypical expressions of other psychiatric disorders and part of the spectra of other psychopathologies, specially the mood and obsessive-compulsive spectrum disorders. The study of the relationship between ED and other psychiatric disorders using the spectrum model of psychopathology may allow a better understanding of the pathophysiology of such syndromes and tailoring more effective treatments. However, the recognition that ED display particular characteristics and the adoption of a critical view with regard to models that eliminate diagnostic limits may also be important for the advancement in the area of eating behaviors.

  14. Associação entre polimorfismos genéticos e transtorno bipolar

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Verônica de Medeiros Alves

    2012-01-01

    Full Text Available Transtorno bipolar (TB é uma doença comum que afeta aproximadamente 1% da população. Apresenta características crônicas e agudas graves, com índices de remissão de baixa e alta prevalência de comorbidades clínicas e psiquiátricas. O objetivo do presente artigo é sintetizar dados de vários artigos que investigaram polimorfismos genéticos associados com TB. Dentre os 129 artigos selecionados, identificaram-se 79 (85,87% genes associados com TB. Essa análise identificou cinco genes que são os mais citados na literatura: CANAC1C, DAOA, TPH2, ANK3 e DISC1. Dos 92 genes identificados nesses artigos, 33 (35,87% não mostraram associação com TB. Essa análise mostrou que, apesar dos avanços recentes com relação ao papel do polimorfismo genético na predisposição para TB, mais pesquisas ainda são necessárias para elucidar sua influência sobre esse transtorno.

  15. Avaliação de Transtornos da Personalidade em Moradores de Rua

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    José Maria Montiel

    Full Text Available Este estudo teve com objetivo comparar a prevalência de tendências de personalidade patológicas entre moradores de rua, comparando-as com outros grupos. Foram participantes do estudo três grupos agrupados em moradores de rua, psiquiátricos e não psiquiátricos (universitários. Foi instrumento de coleta de dados, o Inventário Dimensional dos Transtornos da Personalidade (IDTP. Este instrumento possibilitou uma avaliação do perfil das tendências dos transtornos da personalidade. Entre os resultados encontrados, destaca-se a elevação em determinadas escalas do IDTP, sugerindo uma tendência para desconfiança, impulsividade, necessidade de atenção e comportamentos excêntricos na amostra de moradores de rua. Como considerações, apesar de suas limitações quanto ao número de participantes restrito a uma região do país, e delineamento correlacional, que não permitem inferências causais mais seguras, considera-se a importância de novas investigações acerca do problema de saúde mental do morador de rua visando demarcar este campo de atuação de modo que novas políticas públicas baseadas em evidências possam ser traçadas para esta problemática.

  16. Transtorno de ansiedade social e habilidades sociais de falar em público: estudo experimental

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Antonio Paulo Angélico

    2012-04-01

    Full Text Available O falar em público tem sido considerado um importante estressor psicossocial. Objetivou-se, comparar e caracterizar o repertório de habilidades sociais apresentado por universitários portadores de Transtorno de Ansiedade Social (TAS e não portadores frente a uma situação experimental estruturada, o Teste de Simulação de Falar em Público (TSFP. Participaram 26 universitários, sendo 13 com diagnóstico de TAS (grupo caso de TAS e 13 não portadores de transtornos psiquiátricos (grupo não-caso. Esses grupos não apresentaram diferenças significativas para a maioria dos marcadores comportamentais de ansiedade. Um número maior de sujeitos do grupo não-caso foi avaliado como apresentando um nível de habilidades sociais apropriadas para falar em público, em comparação ao grupo caso. Os grupos diferiram significativamente na maioria dos itens indicativos da habilidade de falar em público do Inventário de Habilidades Sociais (IHS-Del-Prette. Considera-se que a avaliação por meio do TSFP pode favorecer o planejamento de programas de treinamento em habilidades sociais.

  17. Trauma precoce e transtornos de humor em jovens

    OpenAIRE

    Konradt,Caroline Elizabeth; Jansen,Karen; Magalhães, Pedro Vieira da Silva; Pinheiro, Ricardo Tavares; Kapczinski, Flávio Pereira; Silva,Ricardo Azevedo da; Souza, Luciano Dias de Mattos

    2013-01-01

    Objetivo: Verificar vivências precoces de abuso e negligência na infância entre jovens com transtorno bipolar (TB), transtorno depressivo maior (TDM) e controles populacionais. Método: Estudo de caso-controle aninhado a um estudo transversal de base populacional. A confirmação do diagnóstico realizou-se por meio de entrevista clínica estruturada para transtornos de eixo I do DSM-IV (SCID) e os eventos traumáticos foram verificados pelo Questionário sobre Traumas na Infância (QUESI). Resultado...

  18. Fatores associados a sintomas de transtornos alimentares entre escolares da rede pública da cidade do Salvador, Bahia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Thaisy Cristina Honorato Santos Alves

    2012-01-01

    Full Text Available OBJETIVO: Identificar prevalência e fatores associados aos sintomas de transtornos alimentares entre escolares. MÉTODOS: Estudo transversal envolvendo 365 escolares, de 7 a 14 anos de idade, do ensino fundamental de Salvador/BA. Aplicou-se nos escolares 13 anos de idade, o Teste de Atitudes Alimentares-26, o Teste de Investigação Bulímica de Edinburgh e o Teste de Imagem Corporal. O Child Behavior Checklist foi aplicado para todos os escolares. Coletaram-se dados antropométricos e alimentares, sobre estilo de vida, demográficos, socioeconômicos e puberais. Na análise estatística utilizou-se regressão de Poisson. RESULTADOS: Sintomas de transtornos alimentares estavam presentes em 23% dos escolares. Idade (RP: 1,25; IC95%: 1,11-1,40, insatisfação com imagem corporal (RP: 4,23; IC95%: 2,53-7,08, problema de comportamento de internalização (RP: 1,78; IC95%: 1,11-2,85, substituição das refeições por consumo de balas (RP: 2,14; IC95%: 1,24-3,69, maior consumo de frutas e outros vegetais (RP: 2,49; IC95%: 1,55-3,99 e escolaridade materna de 5ª a 8ª série (RP: 1,95; IC95%: 1,06-3,58 associaram-se ao aumento da ocorrência dos sintomas de transtornos alimentares. CONCLUSÃO: Observou-se alta prevalência de sintomas de transtornos alimentares entre os escolares; fatores sociodemográficos e comportamentais estavam associados ao evento.

  19. O transtorno bipolar na mulher Bipolar disorder in women

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Alexandro de Borja Gonçalves Guerra

    2005-01-01

    Full Text Available Diferenças sexuais, descritas em vários transtornos psiquiátricos, também parecem estar presentes no transtorno afetivo bipolar (TAB. A prevalência do TAB tipo I se distribui igualmente entre mulheres e homens. Mulheres parecem estar sujeitas a um risco maior de ciclagem rápida e mania mista, condições que fariam do TAB um transtorno com curso mais prejudicial no sexo feminino. Uma diátese depressiva mais marcante, uso excessivo de antidepressivos e diferenças hormonais surgem como hipóteses para explicar essas diferenças fenomenológicas, apesar das quais, mulheres e homens parecem responder igualmente ao tratamento medicamentoso. A indicação de anticonvulsivantes como primeira escolha em mulheres é controversa, a não ser para o tratamento da mania mista e, talvez, da ciclagem rápida. O tratamento do TAB na gravidez deve levar em conta tanto os riscos de exposição aos medicamentos quanto à doença materna. A profilaxia do TAB no puerpério está fortemente indicada em decorrência do grande risco de recorrência da doença nesse período. Embora, de modo geral, as medicações psicotrópicas estejam contra-indicadas durante a amamentação, entre os estabilizadores do humor, a carbamazepina e o valproato são mais seguros do que o lítio. Mais estudos são necessários para a confirmação das diferenças de curso do TAB entre mulheres e homens e a investigação de possíveis diferenças na efetividade dos tratamentos.Gender differences, described in several psychiatric disorders, seem to be also present in bipolar disorder (BD. The prevalence of bipolar I disorder is equally distributed between women and men. Women seem to be at higher risk for rapid cycling and mixed mania, conditions that could make BD a disorder with a more severe course in the female sex. A marked depressive diathesis among women, greatest use of antidepressants and hormonal differences have been mentioned as hypotheses to explain these

  20. Transtornos mentais: o significado para os familiares - doi:10.5020/18061230.2004.p99

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ana Gláucia Carvalho Barroso

    2012-01-01

    Full Text Available Referido estudo foi realizado em uma unidade-dia de um hospital psiquiátrico público, localizado no município de Fortaleza-Ceará-Brasil. Teve como objetivo principal identificar o significado dos transtornos mentais para familiares de portadores. Este trabalho consistiu em uma pesquisa com abordagem qualitativa na linha etnográfica. Fizeram parte da investigação como informantes 20 familiares de nível socioeconômico predominantemente baixo, de graus diversos de parentesco, embora tenha ocorrido maior incidência de mães. Os dados foram coletados por meio dos seguintes instrumentos: observação-participante, entrevistas semi-estruturadas, contendo oito questões abertas, e o diário de campo. Para análise dos dados, foi utilizado o referencial da análise de conteúdo. No que se refere ao significado que os familiares atribuem aos transtornos mentais, foi possível observar que estes relacionam tais fenômenos a doença, desequilíbrio, sofrimento e grande complicação. Quanto às causas que estes atribuem ao fenômeno em estudo, foram detectadas causas de ordem biológica, psicológica e social. No tocante à convivência, observou-se que variou de harmoniosa a bloqueada. As supostas conseqüências e marcas desse convívio configuraram nas seguintes categorias: trauma, desarmonia, frustração e estresse. Finalmente, quando indagados acerca de manejos e sentimentos diante das crises apresentadas, foi desvelado que estes demonstram angústia e também paciência. Após esta pesquisa, foi possível concluir o quanto o transtorno mental ainda é um fenômeno incompreendido, difícil de lidar, permeado de preconceitos e estigmas, por parte dos familiares dos portadores.

  1. Prevalência e determinantes precoces dos transtornos mentais comuns na coorte de nascimentos de 1982, Pelotas, RS Prevalencia y determinantes precoces de los trastornos mentales comunes en la cohorte de nacimientos de 1982, Pelotas, Sur de Brasil Prevalence and early determinants of common mental disorders in the 1982 birth cohort, Pelotas, Southern Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luciana Anselmi

    2008-12-01

    Full Text Available OBJETIVO: Estimar a prevalência de transtornos mentais comuns e sua associação com fatores de risco numa coorte de adultos jovens. MÉTODOS: Estudo transversal aninhado à coorte de nascimentos de 1982 de Pelotas, RS. Em 2004-5, 4.297 indivíduos foram entrevistados em visita domiciliar. A probabilidade de transtornos mentais comuns foi estimada pelo Self-Report Questionnaire. Os fatores de risco incluíram variáveis socioeconômicas, demográficas, perinatais e ambientais. A análise foi estratificada por sexo e as razões de prevalência simples e ajustadas foram estimadas utilizando-se regressão de Poisson. RESULTADOS: A prevalência de transtornos mentais comuns na população geral foi 28,0%; 32,8% e 23,5%, respectivamente, entre mulheres e homens. Independentemente da pobreza em 1982, homens e mulheres pobres em 2004-5 apresentaram risco aproximado de 1,5 para esses transtornos (pOBJETIVO: Estimar la prevalencia de trastornos mentales comunes y su asociación con factores de riesgo en una cohorte de adultos jóvenes. MÉTODOS: Estudio transversal anidado a la cohorte de nacimientos de 1982 de Pelotas (Sur de Brasil. En 2004-5, 4.297 individuos fueron entrevistados en visita domiciliar. La probabilidad de trastornos mentales comunes fue estimada por el Self-Report Questionnaire. Los factores de riesgo incluyeron variables socioeconómicas, demográficas, perinatales y ambientales. El análisis fue estratificado por sexo y las razones de prevalencia simples y ajustadas fueron estimadas utilizándose regresión de Poisson. RESULTADOS: La prevalencia de trastornos mentales comunes en la población general fue de 28,0%; 32,8% y 23,5%, respectivamente, entre mujeres y hombres. Independientemente de la pobreza en 1982, hombres y mujeres pobres en 2004-5 presentaron riesgo aproximado de 1,5 para esos trastornos (pOBJECTIVE: To estimate the prevalence of common mental disorders and assess its association with risk factors in a cohort of young

  2. Bipolar disorder and medication: adherence, patients' knowledge and serum monitoring of lithium carbonate Trastorno bipolar y medicamentos: adhesión, conocimiento de los pacientes y monitorización sérica del carbonato de litio Transtorno bipolar e medicamentos: adesão, conhecimento dos pacientes e monitorização sérica do carbonato de lítio

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Camila de Souza

    2013-04-01

    ún participante del estudio fue alcanzada la proporción de dos litemias/año, que representa la cantidad mínima de litemias preconizada por la literatura para el tratamiento de mantenimiento con carbonato de litio. CONCLUSIÓN: este estudio apunta factores críticos para la promoción de la seguridad del paciente en el seguimiento de la terapéutica medicamentosa con litio. OBJETIVOS: este estudo teve como objetivo caracterizar pacientes com transtorno afetivo bipolar, em uso de lítio, atendidos no ano 2009 em um serviço ambulatorial do interior de São Paulo, Brasil; avaliar a adesão e conhecimento dos mesmos sobre medicamentos prescritos e verificar a proporção de litemias/ano realizadas, no serviço, para cada indivíduo. MÉTODO: trata-se de estudo descritivo, com abordagem quantitativa, do qual participaram 36 pessoas. Foram utilizadas entrevistas estruturadas e revisão de prontuários para coleta de dados e estatística descritiva para análise dos mesmos. RESULTADOS: entre os participantes, foram identificadas dificuldades em relatar a dose dos fármacos prescritos e alta taxa de não adesão. Em nenhum participante do estudo foi atingida a proporção de duas litemias/ano, que representa a quantidade mínima de litemias preconizada pela literatura para o tratamento de manutenção com carbonato de lítio. CONSIDERAÇÕES FINAIS: este estudo aponta fatores críticos na promoção da segurança do paciente no seguimento da terapêutica medicamentosa com lítio.

  3. Terapia cognitivo-comportamental no transtorno de pânico Cognitive-behavioral therapy in panic disorder

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Gisele Gus Manfro

    2008-10-01

    Full Text Available OBJETIVO: O transtorno de pânico é uma condição crônica e recorrente que prejudica a qualidade de vida e o funcionamento psicossocial dos portadores. Embora os medicamentos sejam efetivos na redução dos ataques de pânico, muitos pacientes não respondem adequadamente a essas intervenções. A terapia cognitivo-comportamental fornece um método alternativo eficaz para tratar transtorno de pânico e evitação agorafóbica. O objetivo do estudo é o de descrever o uso de técnicas cognitivo-comportamentais no tratamento do transtorno de pânico. MÉTODO: Revisão narrativa a partir dos bancos de dados do Medline, SciELO e PsycInfo e de livros-texto especializados. RESULTADOS: Foram descritos os fundamentos da terapia cognitivo-comportamental no tratamento do transtorno pânico e revisadas as evidências de eficácia em curto e longo prazos. O uso de medicação concomitante a terapia cognitivo-comportamental foi também discutido. CONCLUSÕES: A terapia cognitivo-comportamental individual ou em grupo é eficaz para pacientes com transtorno de pânico, seja como tratamento de primeira linha ou como um próximo passo para pacientes com resposta parcial a outros tratamentos.OBJECTIVE: Panic disorder is a chronic and recurrent condition that impairs an individual's psychosocial functioning and quality of life. Despite the efficacy of psychopharmacological treatment in reducing panic attacks, many patients fail to respond adequately to these interventions. Cognitive behavioral therapy provides an alternative and efficacious method for treating panic disorder and agoraphobic avoidance. The objective of the study is to describe the use of cognitive behavioral therapy for panic disorder. METHOD: Narrative review of data collected from Medline, SciELO and PsycInfo and specialized textbooks. RESULTS: We describe the cognitive-behavioral model for the treatment of panic disorder, and review both short and long-term efficacy findings. We also discuss

  4. Evidências atuais do impacto terapêutico dos inibidores da acetilcolinesterase no transtorno cognitivo leve e na demência vascular Evidencias actuales del impacto terapéutico de los inhibidores de la acetilcolinesterasa en el trastorno cognitivo débil y en la demencia vascular Current evidence of the impact of acetylcholinesterase inhibitors on mild cognitive impairment and vascular dementia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Alexandre de Mattos Gomes

    2005-08-01

    Full Text Available INTRODUÇÃO: Os inibidores da acetilcolinesterase são uma classe de drogas eficaz no tratamento da demência de Alzheimer leve e moderada, liberados pelos órgãos responsáveis apenas para este fim. Porém, um grande espectro de morbidades cognitivas aguarda evidências concretas do impacto dessas drogas no tratamento dessas outras patologias que não se classificam como demência de Alzheimer. Então, este artigo de revisão tem como objetivo a busca, na literatura médica atualizada, de evidências sobre o impacto dos inibidores da acetilcolinesterase no transtorno cognitivo leve e na demência vascular. MÉTODO: O levantamento da literatura médica foi feito nos seguintes bancos de dados: Lilacs, MEDLINE e EBMR. RESULTADOS E CONCLUSÕES: Os ensaios com inibidores da acetilcolinesterase no tratamento do transtorno cognitivo leve mostram uma melhora muito modesta nos sintomas e ainda são pequenos e com pouco poder de evidência. Estudo recente mostra que a progressão do transtorno cognitivo leve para demência de Alzheimer diminui nos 12 primeiros meses de tratamento, mas não tem uma resposta sustentada. Os ensaios com demência vascular trazem resultados animadores com o uso dessas drogas.INTRODUCCIÓN: Los inhibidores de la acetilcolinesterasa son un tipo de droga eficaz en el tratamiento de la demencia de Alzheimer débil a moderada, liberados por los órganos responsables solamente para este fin. Sin embargo, un gran espectro de morbidades cognitivas aguarda evidencias concretas del impacto de esas drogas en el tratamiento de otras patologías que no se clasifican como demencia de Alzheimer. Así, ese artículo de revisión tiene por objetivo la búsqueda, en la literatura médica actualizada, de evidencias sobre el impacto de los inhibidores de la acetilcolinesterasa en el trastorno cognitivo débil y en la demencia vascular. MÉTODO: La investigación de la literatura médica ha sido realizado en las siguientes bases de datos

  5. Estudo retrospectivo da associação entre transtorno de pânico em adultos e transtorno de ansiedade na infância Retrospective study of the association between adulthood panic disorder and childhood anxiety disorders

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Gisele Gus Manfro

    2002-03-01

    Full Text Available OBJETIVO: A etiologia do transtorno do pânico (TP é provavelmente multifatorial, incluindo fatores genéticos, biológicos, cognitivo-comportamentais e psicossociais que contribuem para o aparecimento de sintomas de ansiedade, muitas vezes durante a infância. O objetivo deste estudo foi avaliar a relação entre história de transtornos de ansiedade na infância e transtorno do pânico na vida adulta. MÉTODOS: Foram avaliados retrospectivamente 84 pacientes adultos com transtorno do pânico quanto à presença de história de transtornos de ansiedade na infância, por meio de uma entrevista estruturada (K-SADS-E e DICA-P. A presença de comorbidades com outros transtornos de ansiedade e de humor foi avaliada por uma revisão de registros médicos. RESULTADOS: Observou-se que 59,5% dos pacientes adultos com TP apresentavam história de ansiedade na infância. Encontrou-se uma associação significativa entre a presença de história de transtorno de ansiedade generalizada na infância e a presença de comorbidades com o TP na vida adulta, como agorafobia (p=0,05 e depressão (p=0,03. CONCLUSÕES: Este estudo sugere que a história de transtorno de ansiedade na infância pode ser considerada um preditor de maior gravidade para o transtorno do pânico na vida adulta.OBJECTIVE: The etiology of panic disorder is probably multifactorial, involving genetic, biological, cognitive-behavioral and psychosocial factors that may contribute to the onset of anxiety symptoms in childhood. The aim of this study is to analyze the relationship between past history of anxiety disorder in childhood and panic disorder in adult life. METHODS: Using a structured interview (K-SADS-E and DICA-P, 84 panic disorder adult patients were interviewed and childhood anxiety disorder was retrospectively investigated. A review of medical registers was performed to assess comorbidities with other anxiety and mood disorders. RESULTS: Of the patients studied, 59,5% had past

  6. Risco de suicídio e comorbidades psiquiátricas no transtorno de ansiedade generalizada

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Juarez Roberto de Oliveira Vasconcelos

    2015-12-01

    Full Text Available RESUMO Objetivo Investigar o risco de suicídio nos pacientes com transtorno de ansiedade generalizada (TAG. Métodos Estudo transversal com 253 pacientes dos ambulatórios de Psiquiatria, Nefrologia e Cardiologia do Hospital Universitário da Universidade Federal de Alagoas. O instrumento utilizado foi o MINI 5.0.0 (Mini-International Neuropsychiatric Interview. Resultados Os indivíduos com TAG corresponderam a 16,6% da amostra, sendo 30,8% nos pacientes entrevistados no ambulatório de psiquiatria e 11,3% nos pacientes entrevistados nos demais ambulatórios. A maioria é do sexo feminino (83,3%, casada (53,8%, sendo a média de idade de 44 (±12,2 anos. Houve comorbidade psiquiátrica em 88,1% dos entrevistados; 54,8% possuíam duas ou mais e 33,3% tinham apenas uma. A mais prevalente foi depressão maior (53,7%, seguida de distimia (21,4% e depressão recorrente (14,6%. O risco de suicídio foi observado em 54,8% dos indivíduos com TAG. Conclusão A prevalência de TAG foi significativamente maior que na população geral, principalmente no ambulatório de psiquiatria. A maioria dos pacientes apresentou comorbidade psiquiátrica, especialmente transtornos de humor, além de risco de suicídio. O TAG mostrou elevada correlação com transtornos de humor e significativa associação com o risco de suicídio.

  7. Genética em transtornos alimentares: ampliando os horizontes de pesquisa

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Pinheiro Andréa Poyastro

    2006-01-01

    Full Text Available OBJETIVO: Revisar a literatura atual concernente à pesquisa genética em transtornos do comportamento alimentar e discutir questões relevantes ao desenvolvimento de um projeto de pesquisa genética nessa área no Brasil. MÉTODO: A revisão realizada utilizou a base de dados Medline, no período de 1984 a maio de 2005, com os seguintes termos de busca: "anorexia nervosa", "bulimia nervosa", "eating disorders", "binge eating disorder", "family studies", "twin studies", "molecular genetics studies". RESULTADOS: Os dados atuais apontam para uma contribuição relevante dos fatores genéticos na suscetibilidade à anorexia e à bulimia nervosa. A pesquisa genética com populações miscigenadas deve levar em consideração o tamanho da amostra, a densidade de genotipagem e a estratificação populacional. Através de "admixture mapping" é possível estimar a estrutura genética destas populações e localizar genes relacionados à variação étnica de doenças ou traços de interesse. CONCLUSÕES: O desenvolvimento de uma grande iniciativa de colaboração em genética de transtornos alimentares no Brasil e na América Latina viabilizará estudar os fatores genéticos em transtornos do comportamento alimentar no contexto de grupos inter-étnicos, e integrar uma nova perspectiva biológica à etiologia destes distúrbios.

  8. Impacto do DSM-5 no diagnóstico de transtornos de aprendizagem em crianças e adolescentes com TDAH: um estudo de prevalência

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Beatriz Vargas Dorneles

    2014-12-01

    Full Text Available Estudos de prevalência de Transtornos de Aprendizagem (TA em crianças e adolescentes com TDAH apresentam resultados não conclusivos, apesar da frequente comorbidade entre as síndromes. Esse artigo descreve e analisa a prevalência de TA em uma amostra referida de 270 crianças e adolescentes com TDAH atendidas no Programa de Transtornos de Déficit de Atenção/Hiperatividade/Hospital de Clínicas de Porto Alegre - Universidade Federal do Rio Grande do Sul (ProDAH/HCPA-UFRGS, de acordo com os critérios diagnósticos do Manual Diagnóstico e Estatístico de Transtornos Mentais IV - versão revisada (DSM-IV-TR. Verificou-se que 46,7% dos estudantes apresentam, pelo menos, um TA, sendo o Transtorno da Expressão Escrita o mais frequente (32,6%. Discutiu-se o potencial impacto das mudanças nos critérios diagnósticos para os TA, propostas pelo DSM-5 na prevalência desses transtornos. Embora seja possível afirmar que ocorrerão alterações nas taxas de prevalência de TA, o impacto do DSM-5 sobre a prevalência, especificidade e comorbidade do TA permanece incerto, já que há mudanças que ampliarão a abrangência dos critérios de inclusão e outras que a reduzirão.

  9. Associação entre síndrome metabólica e transtornos mentais Epidemiologic studies about association of mental disorders and metabolic syndrome

    OpenAIRE

    Paulo José Ribeiro Teixeira; Fábio Lopes Rocha

    2007-01-01

    CONTEXTO: A síndrome metabólica (SM) é um transtorno de alta prevalência na população geral. Estudos que demonstram haver associação positiva entre doenças mentais e diabetes melito e a constatação dos efeitos adversos metabólicos dos psicofármacos levantam a hipótese de que a prevalência seja ainda maior em pacientes psiquiátricos. OBJETIVO: O objetivo desta revisão é avaliar os estudos epidemiológicos sobre a associação entre os transtornos mentais e a SM ou seus componentes. MÉTODOS: Foi r...

  10. Transtorno de pânico: uma manifestação clínica do desamparo

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Veridiana Alves de Sousa Ferreira Costa

    Full Text Available O contexto atual apresenta mudanças nos modos de organização subjetiva. As redefinições dos papéis do homem e da mulher, as novas formas de filiação e as novas configurações familiares tem implicado o redimensionamento do lugar do pai e se refletido no exercício de sua função, qual seja, inscrever a lei. Tal inscrição é fundamental à estruturação do ser humano e à convivência social. Na atualidade, o sujeito se vê convocado ao excesso, sem referências, e novas formas de desorganização psíquica emergem. O transtorno de pânico se destaca como uma figura paradigmática do desamparo na contemporaneidade. Como categoria psicopatológica, tal transtorno é recente; como quadro clínico psicanalítico, ele se associa às fobias. Este estudo teórico visa a descrever, do ponto de vista da psiquiatria, tal transtorno, e discutir, a partir da psicanálise, o estado de desamparo provocado pela fragilidade da lei simbólica, como característica dessa sintomatologia.

  11. Transtornos alimentares na infância e na adolescência Trastornos alimentares en la infancia y adolescencia y factores de riesgo Eating disorders in childhood and adolescence

    OpenAIRE

    Juliana de Abreu Gonçalves; Moreira,Emilia Addison M.; Erasmo Benício S. de M. Trindade; Giovanna Medeiros R. Fiates

    2013-01-01

    OBJETIVO: Discutir os transtornos alimentares em crianças e adolescentes quanto às suas características e fatores de risco. FONTES DE DADOS: A pesquisa de artigos foi realizada nas bases de dados PubMed e SciELO pela combinação dos termos 'crianças', 'adolescentes', 'comportamento alimentar', 'transtorno alimentar', 'bulimia' e 'anorexia', nos idiomas português e inglês. Foram considerados os artigos publicados entre 2007 e 2011, sendo selecionados 49 que analisaram o desenvolvimento do compo...

  12. Corpo e palavra: grupo terapêutico para pessoas com transtornos alimentares Cuerpo y palabra: grupo terapéutico en los trastornos de alimentación Body and word: therapeutic group for people with eating disorders

    OpenAIRE

    Daniel Magalhães Goulart; Manoel Antônio dos Santos

    2012-01-01

    Transtornos alimentares constituem relações problemáticas com a alimentação e a imagem de si. Seu tratamento deve contemplar múltiplas estratégias, inclusive a abordagem grupal. Este estudo teve como objetivos desenvolver reflexões sobre a grupoterapia com pessoas com transtornos alimentares atendidas em serviço especializado e investigar a dinâmica psicológica dos pacientes atendidos, a partir de ressonâncias contratransferenciais. Foram analisados registros de observação anotados em diário ...

  13. Influência do nível socioeconômico sobre comportamentos de risco para transtornos alimentares em adolescentes

    OpenAIRE

    Dunker, Karin Louise Lenz [UNIFESP; Fernandes,Cássia Peres Bonar; Carreira Filho,Daniel

    2009-01-01

    OBJETIVO: Investigar comportamentos de risco para transtornos alimentares (TA) em adolescentes de diferentes níveis socioeconômicos. MÉTODO: 183 adolescentes do sexo feminino de 15 a 18 anos de duas escolas (pública e particular) foram avaliadas quanto à renda e escolaridade dos pais, estado nutricional, comportamentos de risco para TA (Teste de Atitudes Alimentares - EAT-26), atitudes socioculturais quanto à aparência (Escala das Atitudes Socioculturais Voltadas para Aparência - SATAQ-3), pe...

  14. Serotonina, matéria cinzenta periaquedutal e transtorno do pânico

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Graeff Frederico G

    2003-01-01

    Full Text Available Este artigo é uma revisão de evidências experimentais e construtos teóricos que implicam a modulação do comportamento de defesa pela serotonina (5-HT, atuando na matéria cinzenta periaquedutal do mesencéfalo (MCP no transtorno do pânico. Resultados obtidos com testes de conflito em animais de laboratório indicam que a 5-HT aumenta a ansiedade, enquanto que a estimulação aversiva da MCP aponta para um papel ansiolítico. Para resolver esta contradição, sugeriu-se que os estados emocionais determinados pelos dois paradigmas são diferentes. Testes de conflito gerariam ansiedade antecipatória, enquanto que a estimulação da MCP produziria medo de perigo iminente. Clinicamente, o primeiro estado estaria relacionado com o transtorno de ansiedade generalizada e o segundo, com o transtorno do pânico. Assim sendo, supõe-se que a 5-HT facilita a ansiedade, porém inibe o pânico. Esta hipótese tem sido testada por meio de um modelo animal de ansiedade e pânico, denominado labirinto em T-elevado, e de dois procedimentos experimentais que geram ansiedade, aplicados tanto em voluntários sadios como em pacientes de pânico. Em geral, os resultados obtidos até agora mostram que drogas que aumentam a ação da 5-HT elevam diferentes índices de ansiedade, enquanto reduzem índices de pânico. Portanto, as predições baseadas na hipótese em questão têm se cumprido. As principais implicações clínicas são as de que um déficit de 5-HT na MCP possa participar da fisiopatogenia do transtorno de pânico e que a intensificação da 5-HT na mesma região medeie a ação antipânico dos medicamentos antidepressivos.

  15. Transtornos de personalidade, psicopatia e serial killers Personality disorders, psychopathy and serial killers

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Hilda C P Morana

    2006-10-01

    Full Text Available OBJETIVO: Apresentar as características básicas dos diversos transtornos específicos de personalidade, mas centrando-se no transtorno de personalidade anti-social, fazendo sua diferenciação com psicopatia. O estudo ainda se propõe a abordar a figura do serial killer, apontando a presença de aspectos psicopáticos no homicídio seriado. MÉTODO: Uma revisão bibliográfica foi feita no sentido de se abordar convergências e divergências entre diversos autores sobre um assunto tão polêmico, sobretudo quanto à viabilidade de tratamento dessa clientela forense. RESULTADOS: Enquanto o transtorno de personalidade anti-social é um diagnóstico médico, pode-se entender o termo "psicopatia", pertencente à esfera psiquiátrico-forense, como um "diagnóstico legal". Não se pode falar ainda de tratamento eficaz para os chamados "serial killers". CONCLUSÃO: Os transtornos de personalidade, especialmente o tipo anti-social, representam ainda hoje um verdadeiro desafio para a psiquiatria forense. O local mais adequado e justo para seus portadores, bem como recomendação homogênea e padronizada de tratamento são questões ainda não respondidas.OBJECTIVE: To illustrate the basic characteristics of several specific personality disorders, focusing mainly in antisocial personality disorder. The differences between antisocial personality disorder and psychopathy are highlighted. Serial killers and its psychopathic aspects are also discussed. METHOD: A bibliographic review was completed in order to outline convergences and divergences among different authors about this controversial issue, especially those concerning the possibility of treatment. RESULTS: While anti-social personality disorder is a medical diagnosis, the term "psychopathy" (which belongs to the sphere of forensic psychiatry may be understood as a "legal diagnosis". It is not still possible to identify an effective treatment for serial killers. CONCLUSION: Personality disorders

  16. Afasia global sem hemiparesia: AVC ou transtorno conversivo? Global aphasia without hemiparesis: stroke or conversion disorder?

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Daniel Philippi de Negreiros

    2007-01-01

    Full Text Available CONTEXTO: A realização de diagnóstico neurológico e psiquiátrico em ambiente de emergência hospitalar com freqüência é uma tarefa complexa e exige colaboração interdisciplinar. Um dos diagnósticos diferenciais de doenças neurológicas é o transtorno conversivo, cuja característica principal é a presença de sintomas afetando funções motoras ou sensoriais, que sugerem desordem clínica ou neurológica, porém sem doença orgânica subjacente que explique o quadro. RELATO DE CASO: Os autores relatam o caso de uma paciente de 23 anos com apresentação clínica atípica de acidente vascular cerebral, afasia global sem hemiparesia, que foi inicialmente diagnosticada como transtorno psiquiátrico pelo serviço de clínica médica de emergência. CONCLUSÃO: Certas apresentações neurológicas podem ser interpretadas como transtorno conversivo pelas similaridades clínicas entre as duas desordens, raridade do quadro clínico, pela presença de sintomatologia psiquiátrica e fatores psicossociais nos pacientes neurológicos. Mesmo com apresentações neurológicas atípicas e sintomas psiquiátricos, pacientes com quadro sugestivo de transtorno conversivo devem ser sempre investigados de forma interdisciplinar.BACKGROUND: The neurologic and psychiatric diagnosis in emergency settings are difficult tasks and require interdisciplinary effort. Conversion disorder is one of the differential diagnosis for certain neurologic disorders. The main characteristic is motor or sensory deficits suggesting neurologic or medical condition, but without organic disease that explains the symptoms. CASE REPORT: We present a 23 year-old-woman with an atypical clinical presentation of stroke: global aphasia without hemiparesis. This patient was initially diagnosed with conversion disorder by the internal medicine service in the emergency room. CONCLUSION: Some rare neurologic diseases can be interpreted as conversive disorders due to some reasons

  17. Construção de um software educativo sobre transtornos da personalidade

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Nadja Cristiane Lappann Botti

    2011-12-01

    Full Text Available O estudo objetivou relatar a experiência da construção de um software educativo na área da saúde mental. O software foi desenvolvido visando capacitar o estudante de enfermagem a identificar os principais transtornos da personalidade. Nesse processo, aplicou-se o referencial pedagógico de Vygotsky e o referencial teórico dos critérios diagnósticos definidos pelo DSM-IV. A partir destes referenciais identificaram-se transtornos da personalidade em personagens de histórias e/ou filmes infantis. Para desenvolvimento do software construiu-se banco de multimídias com dados gráficos, sonoros e explicativos. O software desenvolvido foi um jogo educativo do tipo quiz composto por perguntas com níveis crescentes de dificuldade. O software foi desenvolvido no programa Microsoft PowerPoint Office 2007. Este programa com seus mecanismos de botões de ação e hiperlink possibilitam configurar ações. Acredita-se na validade desta estratégia para o ensino-aprendizagem de conteúdos relativos à área da Enfermagem em Saúde Mental.

  18. Tratamento do transtorno bipolar: eutimia Bipolar disorder treatment: euthymia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fábio Gomes de Matos e Souza

    2005-01-01

    Full Text Available O transtorno bipolar é um quadro complexo caracterizado por episódios de depressão, mania ou hipomania e fases assintomáticas. O tratamento visa ao controle de episódios agudos e prevenção de novos episódios. O tratamento farmacológico iniciou-se com o lítio. Até o momento, o lítio permanece como o tratamento com mais evidências favoráveis na fase de manutenção. Outros tratamentos demonstram eficácia nessa fase, como o valproato, a carbamazepina e os antipsicóticos atípicos. Dos antipsicóticos atípicos o mais estudado nesta fase do tratamento é a olanzapina. Mais estudos prospectivos são necessários para confirmar a ação profilática de novos agentes.Bipolar disorder is a complex disorder characterized by depression episodes, mania or hypomania and asymptomatic phases. The treatment aims at the control of acute episodes and prevention of new episodes. The pharmacological treatment was inaugurated with lithium. Until the moment, lithium remains as the treatment with more favorable evidences in the maintenance phase. Other treatments demonstrate efficacy in this phase, as valproate, carbamazepine and atypical antipsychotics. Of the atypical antipsychotics, the most studied in this phase of treatment is olanzapine. More prospective studies are necessary to confirm prophylactic action of new agents.

  19. As interações entre os atores no retorno ao trabalho após afastamento por transtorno mental: uma metaetnografia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Robson da Fonseca Neves

    2015-11-01

    Full Text Available Resumo Transtornos mentais repercutem no mundo do trabalho. Estudos sobre interações entre os atores envolvidos no retorno ao trabalho são raros. A metaetnografia presta-se a sintetizar estudos qualitativos através da interpretação e comparação contínua dos conceitos presentes nos artigos. Este estudo propõe uma metaetnografia sobre as interações entre os atores sociais envolvidos no processo de retorno ao trabalho após afastamento por transtornos mentais. Visa: (1 explorar as interações entre os atores sociais envolvidos no retorno ao trabalho; (2 identificar facilitadores ou obstáculos para o retorno ao trabalho. A busca nas bases de dados produziu 619 artigos dos quais 16 atenderam aos critérios de inclusão. A análise dos artigos revelou seis conceitos de segunda ordem que resultaram em duas sínteses. A primeira diz respeito ao ethos do desempenho no retorno ao trabalho e a segunda aponta para o retorno ao trabalho como catalizador de novos modos de vida. Modelos que privilegiam o ethos do desempenho do trabalhador, bem como uma perspectiva orientada por aspectos psicossociais podem facilitar as praticas de retorno ao trabalho após afastamento por transtornos mentais.

  20. Percepção materna sobre transtornos psiquiátricos no puerpério: implicações na relação mãe-filho

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Elaine Cristina Carvalho Moura

    2011-06-01

    Full Text Available Objetivou-se analisar as implicações dos transtornos psiquiátricos na relação mãe-filho na percepção da mulher em puerpério. Utilizou-se abordagem qualitativa descritiva com dados colhidos em entrevista semiestruturada aplicada a dez puerperas, selecionadas pelo diagnóstico de transtorno psíquico no puerpério. Os dados coletados foram discutidos pela técnica de análise de conteúdo. Os resultados apontam dificuldades das pacientes em se perceber doentes, devido a fatores culturais e sociais que agem frente aos fatores biológicos na definição de diagnóstico e tratamento dos transtornos, havendo prejuízo no prognóstico, acarretando danos na relação mãe-filho. Concluiu-se que, apesar da incidência e gravidade dos transtornos psiquiátricos no ciclo gestacional, os serviços e profissionais de saúde precisam ser provocados na efetivação de ações preventivas para minimizar o sofrimento psíquico a mulheres acometidas.

  1. Transtornos mentais e comportamentais no sistema de informações hospitalares do SUS: perspectivas para a enfermagem

    OpenAIRE

    Edilaine Cristina da Silva; Moacyr Lobo da Costa Junior

    2006-01-01

    Este estudo objetivou explorar algumas das possibilidades de informações sobre os transtornos mentais e comportamentais usando a Internet, especificamente dentro do site do Ministério da Saúde, DATASUS. Apresentou elementos que ilustram recursos dos Sistemas de Informação em Saúde, os quais podem ser utilizados pelos enfermeiros como um meio seguro e simplificado para obtenção de dados. O estudo focalizou internações psiquiátricas pelo SIH-SUS no município de Ribeirão Preto, SP. Ante a necess...

  2. TECNOLOGIAS MÓVEIS NA INCLUSÃO ESCOLAR E DIGITAL DE ESTUDANTES COM TRANSTORNOS DE ESPECTRO AUTISTA

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Lucila Maria Costi SANTAROSA

    2015-12-01

    Full Text Available RESUMO Com foco nas políticas públicas inclusivas, a relação entre estudantes com Transtorno de Espectro Autista e dispositivos móveis foi problematizada para discutir os limites e as possibilidades da configuração tecnológica 1:1 em apoiar processos de inclusão escolar e digital na rede pública brasileira de ensino. Metodologicamente, caracteriza-se como uma pesquisa qualitativa de enfoque exploratório e explicativo, epistemologicamente apoiada na teoria sócio-histórica e conduzida por dois grandes questionamentos: (i Os dispositivos móveis apresentam interface acessível a sujeitos com Transtornos de Espectro Autista? (ii Que movimentos foram desencadeados pela mediação dos dispositivos móveis para potencializar a inclusão sociodigital de sujeitos com Transtornos de Espectro Autista? A partir dos dados coletados foi possível analisar as fragilidades e as potencialidades da interação de três sujeitos de pesquisas, estudantes dos anos iniciais da Educação Básica em processo de alfabetização, pela interface da tecnologia móvel. O comportamento refratário dos sujeitos de pesquisa em relação ao laptop educacional pode ser justificado pelos problemas de acessibilidade tecnológica associada ao dispositivo móvel, muitos deles potencializados pelas especificidades do Transtorno de Espectro Autista: interface pouco amigável, de difícil compreensão pelo grau de abstração e pela complexidade do sistema operacional, com suas múltiplas escolhas e configurações. Na interação com o tablet foi possível constatar um manuseio amigável e intuitivo, pois a manipulação com o objeto ocorre de forma direta e natural, com o toque do dedo. A arquitetura dessa tecnologia permite seu uso em diferentes lugares e posições, uma resposta positiva à hiperatividade e para qualificar estratégias de mediação pedagógica.

  3. Hospitalização integral para o tratamento de transtornos alimentares: características e resultados

    OpenAIRE

    Raphaela Fernanda Muniz Palma

    2012-01-01

    Os transtornos alimentares (TA) são doenças graves de etiologia multifatorial, que cursam com alterações importantes no comportamento alimentar e complicações clínicas como desnutrição e distúrbios hidroeletrolíticos, além de comorbidades psiquiátricas. A hospitalização integral é uma modalidade terapêutica indicada quando o seguimento ambulatorial não atinge resultados satisfatórios associados à piora dos sintomas. O objetivo deste estudo foi descrever as características e resultados da...

  4. Esquizofrenia: adesão ao tratamento e crenças sobre o transtorno e terapêutica medicamentosa

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Paula Silva Nicolino

    2011-06-01

    Full Text Available Este estudo verificou a adesão de pessoas com esquizofrenia à medicação, identificou e comparou as crenças sobre transtorno e medicamento entre pacientes aderentes e não aderentes. Participaram do estudo 14 pacientes de um ambulatório de psiquiatria. Foi realizada entrevista semi-estruturada e aplicação do Teste de Morisky-Green. Os dados foram analisados com abordagem quali-quantitativa. Os resultados revelaram que 64,3% dos pacientes não aderem ao medicamento. A maioria dos entrevistados considerou a medicação capaz de reduzir a seriedade e severidade do transtorno. Entretanto, entre pacientes não aderentes, as barreiras no seguimento da terapêutica foram mais expressivas. Efeitos colaterais foram razão para descontinuidade do tratamento em 80% dos pacientes não aderentes intencionalmente. Observou-se conhecimento insuficiente sobre a esquizofrenia e tratamento medicamentoso. A fé foi mencionada pelos pacientes como estratégia para enfrentamento do processo vivenciado. Este estudo aponta para a necessidade de estratégias direcionadas à promoção da adesão ao medicamento entre pessoas com esquizofrenia.

  5. Relato de caso: transtorno afetivo bipolar

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Carlos Von Krakauer Hübner

    2016-10-01

    Full Text Available Introdução: O transtorno afetivo bipolar (TAB é uma doença crônica e grave, marcada pela variância de episódios depressivos com episódios de mania ou hipomania, podendo haver sintomas psicóticos. É classificado em dois tipos, I e II. Sua etiologia é desconhecida, mas supõe-se que envolva influências genéticas e ambientais, variando a cada indivíduo afetado. As apresentações clínicas do TAB podem variar de episódios leves de depressão ou hipomania até episódios depressivos graves ou mania acompanhados ou não de sintomas psicóticos. Objetivos: Relatar o caso de um paciente internado na enfermaria da psiquiatria do Conjunto Hospitalar de Sorocaba que foi diagnosticado com TAB. Metodologia: As informações foram obtidas por meio de revisão do prontuário, entrevista com o paciente e revisão da literatura. Relato de Caso: Homem de 20 anos encaminhado do serviço hospitalar de Itapetininga após alteração de comportamento, heteroagressividade e alucinações auditivas. Conclusões: Transtorno depressivo maior, de ansiedade generalizada, de estresse pós-traumático e esquizofrenia são diagnósticos diferenciais. O episódio maníaco provoca prejuízo no funcionamento social, profissional e até necessidade de hospitalização. O risco de suicídio em pessoas com TAB é estimado em pelo menos 15 vezes o da população em geral. A taxa de não adesão ao tratamento no TAB é de 47%. A conduta terapêutica medicamentosa mais eficaz para a mania é a associação do carbonato de lítio com risperidona, já para a depressão bipolar o carbonato de lítio é a primeira escolha.

  6. Acesso minimamente invasivo para troca da valva aórtica: resultados operatórios imediatos comparativos com a técnica tradicional Minimally invasive aortic valve replacement: a comparison of results with the traditional technique

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    André Luiz Tyszka

    2004-03-01

    Full Text Available OBJETIVO: As cirurgias cardíacas minimamente invasivas foram desenvolvidas para proporcionarem, através de acessos limitados, menores traumas, melhores resultados estéticos e diminuição nos custos hospitalares com a mesma segurança das cirurgias tradicionais. O estudo teve como objetivo comparar os resultados peri-operatórios dos pacientes submetidos à troca de valva aórtica por meio dos acessos minimamente invasivo e convencional. MÉTODO: Doze pacientes consecutivamente submetidos à troca de valva aórtica isolada por acesso minimamente invasivo, a partir de junho de 2002, tiveram seus dados pré-operatórios, operatórios e pós-operatórios imediatos comparados com os 12 pacientes anteriormente operados na mesma instituição submetidos ao mesmo tipo de operação, porém com acesso convencional. O acesso minimamente invasivo utilizado foi a hemiesternotomia mediana superior e a instalação da CEC foi através da canulação da aorta ascendente e do átrio direito, semelhante à técnica tradicional. RESULTADOS: Os dados demográficos foram semelhantes nos dois grupos de pacientes. Não houve diferença significativa entre os tempos de isquemia, de CEC e do tempo total do procedimento. O tamanho da incisão da pele foi significativamente menor no grupo minimamente invasivo. No pós-operatório, embora tenham sido menores os tempos de ventilação mecânica e o tempo total de permanência hospitalar, estes dados não mostraram diferença significativa. A morbidade pós-cirúrgica foi semelhante entre os dois grupos. CONCLUSÕES: Esta abordagem oferece adequada exposição das estruturas necessárias para uma segura troca valvar e com o mesmo instrumental utilizado na cirurgia tradicional podemos oferecer as vantagens de um acesso menos invasivo com a mesma eficiência da cirurgia tradicional sem acrescentar riscos aos nossos pacientes.OBJECTIVE: Minimally invasive cardiac surgeries are approaches used to reduce trauma, to give

  7. Transtorno de déficit de atenção/hiperatividade, comorbidades e situações de risco

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marcelo C. Reinhardt

    2013-04-01

    Full Text Available OBJETIVO: O transtorno de déficit de atenção/hiperatividade (TDAH apresenta alta prevalência, e seus sintomas apresentam-se frequentemente como um problema de saúde pública considerável. Assim, o objetivo desta revisão é verificar estas situações de urgência provocadas por determinadas comorbidades, ou por expor o paciente a um maior risco de acidentes. FONTE DOS DADOS: Foi realizada uma pesquisa bibliográfica na base de dados PubMed entre os anos de 1992 e 2012, utilizando os descritores "adhd", "urgency", "comorbidity", "substance disorder", "alcohol", "eating disorder", "suicide", "trauma", "abuse", "crime", "internet", "videogame", "bullying", e suas combinações. A seleção dos artigos considerou aqueles mais relevantes de acordo com a abrangência do tema proposto, de forma não sistemática. SíNTESE DOS DADOS: Foram encontradas diversas situações em que o TDAH é o diagnóstico psiquiátrico mais relevante em relação à urgência, como risco de acidentes, risco de suicídio e adição, exposição à violência ou risco de abuso de internet ou abuso sexual; ou então o TDAH é a comorbidade mais prevalente e está igualmente correlacionada à urgência, como no transtorno de humor bipolar e nos transtornos alimentares. CONCLUSÕES: Nossos resultados mostram diversas comorbidades e situações de risco envolvendo o diagnóstico de TDAH e, assim, reforçam a importância de serem reconhecidas para um tratamento adequado deste transtorno.

  8. AVALIAÇÃO DO RISCO DE DESENVOLVIMENTO DE TRANSTORNOS ALIMENTARES EM ALUNAS DO ENSINO MÉDIO DE ESCOLAS PARTICULARES, ARACAJU - SE

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    MARIA DE FáTIMA MELO SILVEIRA

    2009-09-01

    Full Text Available

    Os transtornos alimentares são quadros psiquiátricos caracterizados por uma grave perturbação do comportamento alimentar, sendo a Anorexia e Bulimia Nervosa os dois tipos principais, os quais afetam principalmente adolescentes femininas e adultas jovens. O objetivo do trabalho foi avaliar o risco de alunas do ensino médio em escolas particulares de Aracaju-SE de desenvolverem transtornos alimentares dos tipos Anorexia e Bulimia Nervosa. Utilizou-se um questionário autopreenchível (com validação primária em 320 alunas, de 14 a 18 anos de idade, que aceitaram responder às questões sobre comportamento alimentar, imagem corporal, entre outras. O risco de desenvolvimento de transtornos alimentares na população avaliada foi evidenciado por determinadas manifestações, como a prática de dietas (39,0%, uso de medicamentos para emagrecer (10,8%, consumo compulsivo excessivo de alimentos (40,7% e eventos bulímicos (7,8%. Tendo em vista que a insatisfação corporal é um dos fatores principais que modulam a gênese dos distúrbios alimentares, o desgosto pelo próprio corpo (40,3%, apresentado pelas alunas analisadas, revelou a possibilidade de desenvolverem Anorexia e Bulimia Nervosa. Os resultados indicam a substancial necessidade de prevenção desses transtornos por meio de folderes e palestras, além da capacitação de profissionais da saúde e professores de ensino médio para a detecção do problema.

  9. AVALIAÇÃO DE TRANSTORNOS DE PERSONALIDADE E PADRÕES COMPORTAMENTAIS DA ALIENADORA PARENTAL

    OpenAIRE

    Lass, Ruth Berenice

    2013-01-01

    Embora o fenômeno da Alienação Parental venha sendo discutido em vários contextos pouco se conhece a respeito das características psicológicas dos genitores alienadores. O objetivo deste estudo foi conhecer padrões de comportamento do alienador parental do sexo feminino e a possível correlação do fenômeno da alienação parental com transtornos de personalidade da genitora alienadora. Realizou-se uma pesquisa com 05 famílias em disputa de guarda, com indicativos de prática de alienação paren...

  10. Transtornos parafílicos em pacientes com transtorno obsessivo-compulsivo: série de casos Paraphilic disorders among patients with obsessive-compulsive disorder: case series

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Manuela C. Borges

    2007-01-01

    Full Text Available Com o intuito de elucidar a relação entre transtornos do controle de impulsos (TCI e transtorno obsessivo-compulsivo (TOC, faz-se mister estudar subgrupos mais clinicamente homogêneos de transtornos impulsivos. Por meio do relato de quatro casos de pacientes com TOC e diferentes tipos de transtornos parafílicos (fetichismo transvético, sadismo, ginandromorfofilia e exibicionismo, são discutidos os conceitos de compulsividade, impulsividade e a relação temporal entre ambos. O estudo dos casos aqui descritos mostra que (1 pacientes com TOC e transtornos parafílicos tendem a desenvolver o TOC primeiro, (2 diante de desejos, fantasias ou atos sexuais parafílicos, pacientes com TOC podem lançar mão de comportamentos tipicamente compulsivos, (3 pacientes com TOC e obsessões sexuais egodistônicas podem desenvolver desejos, fantasias ou atos sexuais parafílicos de conteúdo semelhante ao das obsessões, (4 em um mesmo paciente, TOC e parafilias podem apresentar cursos independentes, e (5 pacientes com TOC e parafilias podem não apresentar obsessões sexuais. O sofrimento de pacientes com TOC e parafilias justifica a investigação continuada de tais condições no intuito de elucidar os mecanismos que subjazem esta associação e de criar estratégias que aumentem a adesão ao tratamento.In order to elucidate the relationship between impulse control disorders and obsessive-compulsive disorder (OCD, it is essential to study more clinically homogenous subgroups of patients with impulsive disorders. Using four cases of patients with OCD and comorbid paraphilias (transvestic fetishism, sadism, gynandromorphophilia, and exhibitionism as reference-points, we discuss the concepts of compulsivity, impulsivity, and the temporal relationship between them. The case studies here described suggest that (1 patients with OCD and comorbid paraphilias tend to develop OCD first, (2 once developing paraphilic fantasies, desires, or behaviors, patients with

  11. Transtorno de déficit de atenção/hiperatividade: atualização Recent advances on attention deficit/hyperactivity disorder

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luis A. Rohde

    2004-04-01

    Full Text Available OBJETIVOS: O transtorno de déficit de atenção/hiperatividade tem sido cada vez mais reconhecido em nosso meio. Associa-se com comorbidades importantes e determina marcado prejuízo no funcionamento acadêmico e social de crianças e adolescentes afetados. O presente estudo busca uma revisão atual, para o pediatra clínico, dos principais aspectos do histórico, epidemiologia, etiologia, neurobiologia, quadro clínico, comorbidades, diagnóstico, evolução e tratamento do transtorno. FONTES DOS DADOS: Trata-se de uma revisão abrangente, não-sistemática da literatura sobre o transtorno de déficit de atenção/hiperatividade. SÍNTESE DOS DADOS: O transtorno de déficit de atenção/hiperatividade é de base neurobiológica, com alta prevalência em crianças e adolescentes. O tratamento é bastante eficaz, envolvendo uso de medicação na maioria dos casos. CONCLUSÕES: O pediatra está numa posição privilegiada para a detecção precoce do transtorno de déficit de atenção/hiperatividade em crianças e adolescentes e para o manejo inicial dos casos menos graves e não complicados pela presença de extensa comorbidade.OBJECTIVES: To describe the main aspects of attention deficit/hyperactivity disorder, including history, epidemiology, etiology, neurobiology, clinical features, comorbidities, diagnosis, outcome and treatment. SOURCES OF DATA: Comprehensive, non-systematic review of the literature on attention deficit/hyperactivity disorder. SUMMARY OF THE FINDINGS: Attention deficit/hyperactivity disorder has a neurobiological basis, and is highly prevalent in children and adolescents. Treatment is very efficacious, including the use of medication in most the cases. CONCLUSIONS: Pediatricians are in a privileged position to detect this disorder early and to start the initial management of less severe cases and of those not complicated by extensive comorbidities.

  12. Cirurgia bariátrica e transtornos alimentares: uma revisão integrativa

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Julia M. Novelle

    Full Text Available RESUMO Objetivo Realizar revisão sobre transtornos alimentares e comportamentos alimentares transtornados relacionados à cirurgia bariátrica. Métodos Revisão integrativa da literatura nas bases de dados PubMed, Lilacs, Bireme, portal SciELO com descritores indexados com critérios de inclusão: oferecer dado sobre a presença ou frequência de transtorno alimentar e/ou comportamentos alimentares disfuncionais previamente e/ou após a cirurgia. Resultados Foram selecionados 150 estudos (14 nacionais e 136 internacionais: 80,6% eram com avaliação de pacientes pré-/pós-cirúrgicos; 12% eram estudos de caso e 7,3% eram estudos de revisão. Diferentes instrumentos foram usados para avaliação, principalmente o Questionnaire on Eating and Weight Patterns, a Binge Eating Scale e Eating Disorders Examination Questionnaire. A compulsão alimentar foi o comportamento mais avaliado, com frequências/prevalências variando de 2% a 94%; no caso do transtorno da compulsão alimentar as frequências/prevalências variaram de 3% a 61%. Houve também a descrição de anorexia e bulimia nervosa, síndrome da alimentação noturna e comportamento beliscador. Alguns estudos apontam melhora dos sintomas no pós-cirúrgico e/ou seguimento enquanto outros apontam surgimento ou piora dos problemas. Conclusão Apesar da variabilidade entre métodos e achados, comportamentos alimentares disfuncionais são muito frequentes em candidatos à cirurgia bariátrica e podem ainda surgir ou piorar após a intervenção cirúrgica. Profissionais de saúde devem considerar de maneira mais cuidadosa tais problemas neste público, dadas às consequências para o resultado cirúrgico e qualidade de vida.

  13. A terapia cognitivo-comportamental em grupo no Transtorno de Ansiedade Social

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Carolina Pereira Dittz

    2015-11-01

    Full Text Available O transtorno de ansiedade social (TAS, caracterizado pelo medo ou ansiedade acentuados em situações sociais, é capaz de comprometer significativamente a qualidade de vida do indivíduo. O estudo visou descrever o desenvolvimento de uma intervenção em grupo, baseada na Terapia Cognitivo-Comportamental, para pessoas que apresentaram os sintomas de TAS. O protocolo de tratamento utilizou as seguintes técnicas: reestruturação cognitiva, exposição às situações temidas, treino de habilidades sociais e relaxamento. O grupo foi formado por cinco voluntários acima dos 18 anos, da cidade de Juiz de Fora - Minas Gerais, os quais apresentaram pontuações elevadas em instrumentos de rastreio para o TAS. Foram realizados 16 encontros presenciais, com duração de 90 minutos. O estudo se dividiu em cinco fases: acolhimento, habituação, treinamento de habilidades, prevenção de recaída e finalização. Os resultados mostraram que os participantes tiveram melhoras, nos escores dos testes: Liebowitz, BAI e BDI (administrados antes e depois do tratamento e nas observações clínicas realizadas, principalmente na forma de lidar com as situações sociais em pequenos grupos (participar e falar. Foi possível concluir que o protocolo de atendimento alcançou seus objetivos no tratamento do transtorno de ansiedade social. Entretanto, são necessárias alterações para que os resultados sejam provados mais satisfatoriamente.

  14. Ambiente familiar e transtorno de déficit de atenção e hiperatividade

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Thiago de Oliveira Pires

    2012-08-01

    Full Text Available OBJETIVO: Analisar fatores associados a transtorno de déficit de atenção e hiperatividade em crianças. MÉTODOS: Estudo longitudinal sobre problemas de comportamento em crianças escolares de São Gonçalo, RJ, em 2005. Foram analisados 479 escolares da rede pública selecionados por amostragem por conglomerados em três estágios. Foi utilizada a escala Child Behavior Checklist para medição do desfecho. Foi aplicado um questionário para pais/responsáveis acerca dos fatores de exposição analisados: perfil da criança e da família, variáveis de relacionamento familiar, violências físicas e psicológicas. O modelo regressão log-binomial com enfoque hierarquizado foi empregado para a análise. RESULTADOS: Quociente de inteligência mais alto associou-se inversamente à frequência do transtorno (RP = 0,980 [IC95% 0,963;0,998]. A prevalência de transtorno nas crianças foi maior quando havia disfunção familiar do que entre famílias com melhor forma de se relacionar (RP = 2,538 [IC95% 1,572;4,099]. Crianças que sofriam agressão verbal pela mãe apresentaram prevalência 3,7 vezes maior do que aquelas não expostas a essa situação no último ano (RP = 4,7 [IC95% 1,254;17,636]. CONCLUSÕES: Relações familiares negativas estão associadas aos sintomas de transtorno de déficit de atenção e hiperatividade. Sua associação com quociente de inteligência reitera a importância da base genética e ambiental na origem do transtorno.

  15. Lifetime Prevalence, age and gender distribution and age-of-onset of psychiatric disorders in the São Paulo Metropolitan Area, Brazil: results from the São Paulo Megacity Mental Health Survey Prevalência em toda a vida, distribuição por idade e sexo e idade de início de transtornos psiquiátricos na área metropolitana de São Paulo, Brasil: resultados do Estudo Epidemiológico de Transtornos Mentais São Paulo Megacity

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria Carmen Viana

    2012-10-01

    ,3%. RESULTADOS: A prevalência de pelo menos um transtorno mental ao longo da vida foi de 44,8% e o risco estimado aos 75 anos de idade foi de 57,7%; comorbidade ocorreu com frequência. Depressão maior, fobias específicas e abuso de álcool foram os transtornos mais prevalentes; transtornos de ansiedade foi a classe de transtornos mais frequente. Fobias específicas e transtornos do controle de impulsos tiveram idade de início precoce, enquanto transtornos do humor tiveram início mais tardiamente. Mulheres apresentaram maior risco para transtornos do humor e de ansiedade, e homens para transtornos decorrentes do uso de álcool e drogas. Com exceção de transtornos da conduta, que foram mais frequentes em homens, não se observou diferenças de gênero na distribuição de transtornos do controle de impulso. Observou-se uma tendência consistente entre os diferentes transtornos de maiores taxas de morbidade nas coortes mais jovens. Baixa escolaridade mostrou-se associada a transtornos decorrentes do uso de álcool e drogas. CONCLUSÃO: Transtornos psiquiátricos na população geral adulta da RMSP são altamente prevalentes, com comorbidade frequente, idade de início precoce na maior parte dos transtornos avaliados, e taxas mais elevadas nas coortes mais jovens. Tal cenário suscita ações vigorosas de saúde pública.

  16. Transtorno mental comum na população idosa: pesquisa de base populacional no Município de Campinas, São Paulo, Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Flávia Silva Arbex Borim

    2013-07-01

    Full Text Available Analisou-se o transtorno mental comum em idosos segundo variáveis demográficas, socioeconômicas, de comportamentos relacionados à saúde e morbidades. Trata-se de estudo transversal de base populacional, com amostra por conglomerados. A pesquisa utilizou dados de inquérito de saúde realizado em Campinas, São Paulo, Brasil, em 2008. Foi usado o questionário SRQ-20 para avaliar o transtorno mental comum. Foram estimadas razões de prevalências ajustadas por meio de regressão múltipla de Poisson. A prevalência de transtorno mental comum foi 29,7% e significativamente mais elevada no sexo feminino, nos idosos com 80 anos ou mais, menor renda, que não trabalhavam, sedentários, que avaliaram sua saúde como ruim/muito ruim e com maior número de doenças crônicas. Maiores razões de prevalências foram detectadas na subescala de pensamentos depressivos. Os resultados trazem subsídios para o planejamento de intervenções voltadas à saúde dos idosos, com ênfase nos idosos que trabalham e com hábitos de vida saudáveis. Apontam a necessidade de atenção dos profissionais para o quadro depressivo na terceira idade.

  17. Transtorno afetivo bipolar e a ambivalência em relação à terapia medicamentosa: analisando as condições causais

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Adriana Inocenti Miasso

    2011-04-01

    Full Text Available Este estudo buscou compreender as condições causais da ambivalência da pessoa com transtorno afetivo bipolar (TAB em relação ao seguimento da terapêutica medicamentosa. Foi utilizada a abordagem qualitativa, tendo como referencial metodológico a Teoria Fundamentada nos Dados, à luz do Interacionismo Simbólico. Participaram do estudo 14 pessoas com TAB que estavam em acompanhamento em um Ambulatório de Transtornos do Humor de um hospital universitário e 14 familiares indicados pelas mesmas. A entrevista e observação foram as principais formas de obtenção de dados. Os resultados revelaram três categorias que descrevem as referidas condições causais: vivendo as crises do transtorno; tendo necessidade do medicamento e convivendo com os efeitos colaterais dos medicamentos. Este estudo aponta para necessidade de mudança de atitude dos profissionais de saúde de culpabilizar o paciente pela interrupção do tratamento para aquela de escuta, de valorização do seu universo simbólico e afetivo bem como de parceria no tratamento.

  18. Preocupação e insatisfação com o corpo, checagem e evitação corporal em pessoas com transtornos alimentares

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Angela Nogueira Neves Betanho Campana

    2012-12-01

    Full Text Available Este estudo teve por objetivo avaliar aspectos da imagem corporal em uma amostra de pessoas com anorexia nervosa, bulimia nervosa e transtorno alimentar não-especificado. A amostra foi composta por 14 voluntárias atendidas pelo Ambulatório de Transtornos Alimentares da Universidade Estadual de Campinas. O Software de Avaliação Perceptiva foi utilizado para avaliar a insatisfação com o corpo. A preocupação com o corpo, checagem e evitação corporal foram avaliadas pelo Body Shape Questionnaire, Body Checking Questionnaire e Body Image Avoidance Questionnaire, respectivamente. A análise descritiva e as correlações entre as medidas mostraram elevados níveis de insatisfação, checagem, evitação e preocupação com o corpo, com associações significantes. Estes achados evidenciaram a importância dos parâmetros investigados na dinâmica dos transtornos alimentares. Conhecer esses componentes da imagem corporal favorece a ampliação das possibilidades de melhor compreender como se organiza a representação mental do corpo dessas pacientes e planejar mais cuidadosamente as intervenções no decurso do tratamento.

  19. Matricídio e transtorno bipolar Matricide and bipolar disorder

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Alexandre Martins Valença

    2009-01-01

    Full Text Available CONTEXTO: Matricídio é o assassinato de uma mãe pelo filho ou filha, uma forma de homicídio raramente vista na prática psiquiátrica. Estudos de casos de matricídio têm revelado a presença de transtornos mentais, tais como esquizofrenia, transtorno bipolar, transtornos de personalidade e alcoolismo, assim como casos em que não há evidência de transtorno mental. OBJETIVO: Tem-se como objetivo relatar o caso de uma mulher com transtorno bipolar que assassinou a sua genitora e que foi avaliada em perícia psiquiátrica para avaliação da responsabilidade penal. MÉTODOS: Foi realizada entrevista psiquiátrica, sendo o diagnóstico psiquiátrico estabelecido com base na entrevista e observação dos registros periciais e hospitalares, utilizando-se os critérios diagnósticos DSM-IV-TR. RESULTADOS: A examinanda foi considerada inimputável, em virtude da presença de doença mental que afetou inteiramente o seu entendimento e determinação em relação ao delito praticado. Ela cumpre medida de segurança em Hospital de Custódia e Tratamento Psiquiátrico há dois anos. CONCLUSÃO: É importante que psiquiatras e outros profissionais da saúde mental estejam atentos para risco de comportamento violento em pacientes que apresentam história de doença mental de longa duração, com episódios de violência durante a fase aguda, ameaças contra familiares ou amigos e falta de tratamento psiquiátrico regular.BACKGROUND: Matricide is the killing of one's own mother, and a type of homicide rarely seen on psychiatric practice. Matricide cases studies have shown the presence of mental disorders, such as schizophrenia, bipolar disorder, personality disorders and alcoholism, and have also found cases where there is no evidence of mental disorders. OBJECTIVE: We aim to report a case of a woman with bipolar disorder that murdered her own mother and had a psychiatric forensic evaluation to ascertain her penal imputability. METHODS: Psychiatric

  20. Abuso de drogas e transtornos alimentares entre mulheres: sintomas de um mal-estar de gênero?

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Regina Helena Simões-Barbosa

    Full Text Available Resumo: O artigo discute o abuso de drogas e os transtornos alimentares sob as perspectivas críticas de gênero e do cuidado em saúde. Postula-se que o sofrimento subjetivo pode se expressar no corpo por meio das doenças psicossomáticas. Nessa perspectiva, a insaciável fome consumista das drogas ou de bens supérfluos, bem como o adoecimento pela fome voluntária em busca de um ideal de esbeltez, como na anorexia e bulimia, podem ser sintomas que denunciam o sofrimento feminino. Uma revisão nos campos da saúde coletiva e das teorias feministas destaca a magnitude dos fenômenos da medicalização e mercantilização da saúde presentes na psiquiatrização do mal-estar feminino. Na transição de gênero das sociedades capitalistas, as cobranças sociais pelo desempenho dos velhos e novos papéis femininos acentuam sentimentos de inadequação, traduzidos no mal-estar de gênero que circunda o abuso de drogas e os transtornos alimentares, analisados como patologias de protesto. Propõe-se o resgate do ideário do Programa de Assistência Integral à Saúde da Mulher, orientado pela integralidade, para enfrentar tais desafios.

  1. Transtornos alimentares em bailarinas clássicas adolescentes

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Mayara Freitas Monteiro

    2013-09-01

    Full Text Available Objetivo: Analisar a prevalência de sintomas de transtornos alimentares (TAs em bailarinas clássicas adolescentes. Métodos: Estudo observacional, transversal e analítico, realizado em 2009, cujos sintomas de TAs foram investigados aplicando-se os testes Eating Attitudes Test (EAT-26 e Bulimic Investigatory Test, Edinburgh (BITE. A avaliação da imagem corporal da população estudada se deu pelo Body Shape Questionnaire (BSQ. Além disso, foi realizada avaliação antropométrica – aferição de peso, estatura e pregas cutâneas, cálculo do índice de massa corporal (IMC e percentual de gordura corporal. Resultados: Das 139 adolescentes avaliadas, os desvios nutricionais estavam presentes em 4,4% (n=6; e 23% (n=32 apresentaram percentual de gordura anormal. A análise do EAT concluiu que 12,3% (n=17 apresentaram resultados positivos para a anorexia nervosa (AN. Diante dos resultados do BITE, identificou-se que 13,7% (n=19 apresentam hábito alimentar não usual e 6,5% (n=9 refletem quadro subclínico de bulimia nervosa (BN. Com relação à gravidade, 3,6% (n=5 apresentaram resultado significativo clinicamente e 1,4% (n=2, de alta gravidade. Ao avaliar o BSQ, 15,7% (n=21 encontravam-se levemente preocupadas com a imagem corporal; 5,2% (n=7, moderadamente; e 6,7% (n=9, extremamente preocupadas. Conclusão: O estudo não diagnosticou a presença de TAs, mas verificou a existência de sintomas de anorexia e bulimia nervosa. Ele teve como principal intuito alertar sobre a prevalência do possível desenvolvimento de TAs diante das interferências do meio em que essas adolescentes convivem, sob o modelo definido pelo balé clássico e as perturbações comuns na fase da adolescência.

  2. Criminologia: transtornos neuropsíquicos e imputabilidade penal

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Vilson Aparecido Disposti

    2010-12-01

    Full Text Available


    O artigo analisa a violação do princípio da culpabilidade, sustentáculo basilar do Direito Penal, que estruturado sob os demais princípios do Estado Democrático de Direito, deve projetar um Direito Penal mínimo e garantista. Entretanto, a proteção formal dos direitos e garantias individuais, no âmbito constitucional penal, não tem sido suficiente para se assegurar o jus libertatis do cidadão em conflito com o jus puniendi do Estado. A culpabilidade que fundamenta a aplicação da pena e limita a intervenção punitiva estatal, faculta ao magistrado individualizar a resposta penal de acordo com o necessário e o suficiente para a reprovação e a prevenção do crime. Porém, no Código Penal de 1940 encontram-se conceitos que não correspondem à realidade científica das psicopatologias identificadas e classificadas pela Criminologia moderna. Diferente da lei penal européia, o Código Penal brasileiro está aprisionado em seu hermetismo dogmático refletindo ainda, o reducionismo da Psiquiatria biofísica do século XIX. Esse isolamento inoculou na cultura jurídica criminal, acanhada visão das psicopatologias, que acrescido do mecanicismo da prática processual, afasta a justiça criminal de reconhecer os transtornos neuropsíquicos. É necessário que o Direito Penal brasileiro se abra à interdisciplinaridade da moderna Criminologia para adequar a sua

  3. Transtorno afetivo bipolar: perfil farmacoterapêutico e adesão ao medicamento

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Adriana Inocenti Miasso

    2012-06-01

    Full Text Available Este estudo teve como objetivos verificar a adesão de portadores de transtorno afetivo bipolar (TAB à terapêutica medicamentosa e identificar possíveis causas de adesão e não adesão ao medicamento de acordo com o perfil farmacoterapêutico. Trata-se de estudo transversal, descritivo, realizado em Núcleo de Saúde Mental de um município do interior paulista. Participaram do estudo 101 pacientes com TAB. Para coleta dos dados, utilizou-se a entrevista estruturada e o teste de Morisky-Green e, para a análise dos mesmos, o programa Statistical Package for the Social Science. Os resultados mostraram que a maioria (63% dos sujeitos investigados não adere ao medicamento. Apesar de não ter ocorrido diferenças significativas entre o grupo de aderentes e não aderentes, para as variáveis investigadas, foi possível verificar a utilização de polifarmacoterapia e regimes terapêuticos complexos no tratamento do TAB. Permanece como desafio a implementação de estratégias que possam melhorar, na prática, a adesão de pacientes ao tratamento medicamentoso.

  4. Evisceración modificada en un caso de carcinoma epidermoide invasivo de conjuntiva

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Norma Aide Castro-Santana

    2015-01-01

    Full Text Available El carcinoma epidermoide de conjuntiva es una patología de baja incidencia, pero se considera que es la tumoración maligna de conjuntiva más frecuente. Se caracteriza por presentar una masa gelatinosa con focos de leucoplasia en conjuntiva bulbar interpalpebral cerca del limbo. Las opciones de tratamiento incluyen escisión simple, pudiendo agregar tratamiento adyuvante como crioterapia, radioterapia o quimioterapia tópica. Si la lesión es invasiva se puede considerar realizar enucleación o exenteración. Se presenta el caso de un paciente masculino de 68 años con historial de tumoración ocular derecha y disminución de agudeza visual de 3 años de evolución, en el cual después de valoración clínica complementada con estudios auxiliares se diagnosticó carcinoma epidermoide invasivo de la conjuntiva, por lo que se decide realizar una evisceración modificada con esclerectomía perilímbica subyacente evitando tocar el borde palpebral y tumoral. El estudio patológico confirmó el diagnóstico.

  5. Comparação entre métodos invasivos e não invasivo de determinação da capacidade aeróbia em futebolistas profissionais Comparación entre métodos invasivos y no invasivos de determinación de la capacidad aeróbica en futbolistas profesionales Comparison between invasive and non-invasive methods for the determination of the aerobic capacity of professional soccer players

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Adelino Sanchez Ramos da Silva

    2005-08-01

    Full Text Available O Limiar Anaeróbio (Lan pode ser determinado por protocolos que utilizam concentrações fixas de lactato sanguíneo como o OBLA (Onset of Blood Lactate Accumulation e os que utilizam procedimentos mais individualizados, como o Lactato Mínimo (Lacmin. Independente do método, a mensuração da capacidade aeróbia através do Lan nesses casos exige a utilização de equipamentos sofisticados, além do elevado custo por atleta, o que torna sua aplicação limitada. Como alternativa, um dos testes não invasivos mais empregados no meio esportivo é o de 12 minutos proposto por Cooper. O objetivo principal do presente estudo foi comparar a intensidade de exercício obtida pelo teste de 12min com as intensidades correspondentes ao Lan obtido pelo protocolo adaptado ao de Tegtbur et al. (1993 (Lac minat e pelo OBLA em futebolistas profissionais. Para tanto participaram 16 atletas pertencentes a uma equipe profissional filiada à série A3 do futebol paulista. Cada atleta foi avaliado nos três protocolos, com intervalo mínimo de 48 e máximo de 72 horas. Os resultados mostraram diferença (p El umbral anaeróbico (Lan puede ser determinado por protocolos que utilizan concentraciones fijas de lactato sanguíneo como el OBLA (Onset of Blood Lactate Accumulation y los que utilizan procedimientos mas individualizados como el Lactato Mínimo (Lacmin. Independiente del método, la medida de la capacidad aeróbica a traves del Lan en esos casos exige una utilización de equipamientos sofisticados, además del elevado costo por atleta lo que torna su aplicación limitada. Como alternativa, uno de los tests no invasivos mas empleados en el medio deportivo es el de 12 minutos propuesto por Cooper. El objetivo principal de este estudio fue el de comparar la intensidad de ejercicio obtenida por el test de 12 minutos con las intensidades obtenidas correspondientes al Lan obtenido por el protocolo adaptado al de Tegtbur et al. (1993 (Lac minat y por el OBLA en

  6. Alterações neuropsicológicas no transtorno bipolar

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rocca Cristiana C A

    2006-01-01

    Full Text Available OBJETIVO: Revisão sistemática dos estudos controlados publicados nos últimos 15 anos sobre alterações neuropsicológicas no transtorno bipolar. MÉTODO: Foi realizado um levantamento bibliográfico no Medline, Lilacs, PubMed e ISI, selecionando-se o período de 1990 a 2005. Os estudos foram organizados a partir da comparação entre a amostra selecionada (bipolar versus outra patologia versus controles saudáveis. Nós só incluímos estudos controlados e com uma amostra de pacientes maior que 10, totalizando 73 artigos, do quais 53 foram selecionados para esta revisão. RESULTADOS: Pacientes com transtorno bipolar apresentam dificuldades em vários domínios cognitivos, sendo que alguns persistem mesmo após remissão dos sintomas. Os déficits encontrados se localizaram basicamente nas funções executivas. Na comparação com pacientes portadores de esquizofrenia, os bipolares apresentam perfil de alterações cognitivas mais leves, o que aponta para diferenças em termos de prognóstico da doença e para anormalidades em circuitos neuroanatômicos específicos. Houve correlação positiva entre déficits cognitivos e número de episódios ou internações. As medicações utilizadas para estabilização do humor podem ter um impacto negativo na cognição. CONCLUSÕES: Os prejuízos são sugestivos de disfunção em circuitos fronto-estriatais específicos que podem, em parte, explicar as dificuldades na adaptação psicossocial destes pacientes. Estudos futuros devem avaliar a eficácia de programas de reabilitação neuropsicológica, os quais visam, por meio de treinos cognitivos, minimizar o impacto dos déficits encontrados na vida diária dos pacientes.

  7. Transtornos alimentares e insatisfação com a imagem corporal em bailarinos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Aline Dias Guimarães

    2014-07-01

    Full Text Available INTRODUÇÃO: Os transtornos alimentares (TA tornaram-se um problema relevante de saúde pública. Paralelamente a esse fato, observa-se aumento na frequência de problemas associados à percepção da imagem corporal. Esses transtornos alimentares são mais incidentes em praticantes de esportes que preconizam o baixo peso corporal, como o balé clássico. OBJETIVO: Determinar a prevalência de comportamentos de risco de transtornos alimentares e insatisfação com a imagem corporal em bailarinos adolescentes na cidade de São Luís, MA, Brasil. MÉTODOS: Realizou-se estudo transversal com 30 bailarinos clássicos, não profissionais de ambos os sexos, com idade de 15 a 19 anos. Para avaliação do comportamento de risco de anorexia nervosa, utilizou-se o teste de atitudes alimentares (EAT-26, e para o comportamento de risco de bulimia nervosa, o teste de investigação bulímica de Edimburgo (BITE. A imagem corporal foi avaliada por meio do questionário de imagem corporal (BSQ. RESULTADOS: A prevalência de comportamentos de risco de TA foi de 30,0% para anorexia nervosa, de acordo com o EAT-26 e, segundo a escala de sintomas do BITE, 40,0% apresentaram comportamento de risco de bulimia nervosa. Além disso, o BSQ identificou que 26,7% dos bailarinos estavam insatisfeitos com sua imagem. Analisando o comportamento de risco de TA e a insatisfação com a imagem corporal, por sexo, não houve diferença estatisticamente significante (p > 0,05. CONCLUSÃO: A alta incidência de insatisfação com a imagem corporal associada à grande prevalência de comportamentos de risco de TA encontrada neste estudo ratifica que a prática do balé parece ser um fator primordial para o aumento da suscetibilidade desses bailarinos desenvolverem TA.

  8. Psiconeuroendocrinologia do transtorno de estresse pós-traumático Psychoneuroendocrinology of posttraumatic stress disorder

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Juliana Elena Ruiz

    2007-05-01

    Full Text Available OBJETIVO: Os autores realizaram uma revisão tradicional da literatura sobre os achados neurobiológicos das disfunções do eixo hipotálamo-pituitária-adrenal associados ao transtorno de estresse pós-traumático. MÉTODO: Os achados científicos relevantes foram descritos de acordo com a ordem cronológica de publicação e as características dos estudos, se eram pré-clínicos, relacio-nados à violência precoce como fator de risco e, finalmente, achados clínicos em pacientes portadores de transtorno de estresse pós-traumático. RESULTADOS: Foi encontrada uma literatura rica de achados a respeito de disfunções do eixo hipotálamo-pituitária-adrenal e transtorno de estresse pós-traumático. Os achados mostraram que o transtorno de estresse pós-traumático está associado a disfunções deste eixo e de estruturas cerebrais como o córtex pré-frontal, hipocampo e amídala. Os pacientes com transtorno de estresse pós-traumático apresentam um aumento da responsividade dos receptores de glicocorticóides, sugerindo que a inibição do feedback negativo tem um papel importante na fisiopatologia do quadro. Estudos pré-clínicos com modelos animais de deprivação maternal evidenciaram que, dependendo de quando o trauma ocorre, a disfunção do eixo será diferente. Os estudos clínicos mostram que o estresse precoce está relacionado ao desenvolvimento de psicopatologia durante a vida adulta. CONCLUSÕES: As disfunções do eixo hipotálamo-pituitária-adrenal relacionadas ao transtorno de estresse pós-traumático são evidências robustas e os mecanismos subjacentes a ele são cada vez mais compreendidos.OBJECTIVE: To review the literature on neurobiological findings related to hypothalamic-pituitary-adrenal axis dysfunctions associated with posttraumatic stress disorder. METHOD: The relevant scientific findings were described according to the date of publication and the characteristics of the studies: preclinical studies, studies on

  9. O efeito do yoga na redução da sintomatologia de pacientes com transtorno de pânico

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Camila Ferreira-Vorkapic

    2012-06-01

    Full Text Available Introdução: Devido aos seus conhecidos efeitos no corpo e mente, o yoga tem sido alvo de investigações cientificas há décadas. A maioria dos estudos relacionados evidencia a efetividade destas técnicas no tratamento de transtornos mentais como ansiedade, pânico e depressão. O yoga tem sido considerado um método preventivo e seguro, capaz de representar grande economia para a saúde pública do país. Objetivos: o objetivo primário deste estudo foi observar a eficácia de técnicas de yoga no tratamento dos sintomas relacionados ao transtorno de pânico. Método: foram selecionados 17 sujeitos diagnosticados previamente com transtorno de pânico. Os sujeitos foram divididos em dois grupos experimentais: o grupo 1 participou de sessões de  terapia cognitivo-comportamental (TCC e o grupo 2 participou de práticas de yoga. Os sujeitos foram avaliados duas vezes durante a pesquisa, no início e no final do tratamento, que durou dois meses. Os participantes foram avaliados através das seguintes escalas: Beck de Depressão e Beck de Ansiedade, Escala para Pânico e Agorafobia, Questionário de Crenças de Pânico, Escala de Sensações Corporais, Escala de Cognições Agorafóbicas, Inventário de Mobilidade, SWB-PANAS, SF-36 – Questionário de Qualidade de Vida e  Escala Brasileira de Assertividade. Resultados: após análise estatística, os resultados mostraram significativa redução nos níveis de ansiedade, sensações corporais associadas ao pânico, número e intensidade dos ataques de pânico e melhora na qualidade de vida apenas dos sujeitos que freqüentaram as sessões de yoga terapia (grupo 2. Conclusão: Em acordo com os estudos atuais da literatura, a presente investigação observou melhora significativa dos sintomas relacionados ao pânico em pacientes que praticaram yoga. Conclui-se que esta prática milenar pode representar uma eficaz metodologia de tratamento dos transtornos de ansiedade, podendo ser utilizada

  10. A terapia cognitivo-comportamental no transtorno obsessivo-compulsivo Cognitive-behavioral therapy in obsessive-compulsive disorder

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Aristides Volpato Cordioli

    2008-10-01

    Full Text Available OBJETIVO: Descrever a terapia cognitivo-comportamental no tratamento dos sintomas do transtorno obsessivo-compulsivo. MÉTODO: Por meio da revisão de artigos e livros-texto, descrever as origens e os fundamentos da terapia cognitivo-comportamental no tratamento dos sintomas do transtorno obsessivo-compulsivo. Por meio da revisão no Medline de ensaios clínicos randomizados e metanálises, apontar as evidências de eficácia dessa modalidade de tratamento. RESULTADOS E CONCLUSÕES: A terapia cognitivo-comportamental é efetiva na redução dos sintomas obsessivo-compulsivos em aproximadamente 70% dos pacientes que aderem ao tratamento. São desafios futuros esclarecer as razões pelas quais muitos portadores não respondem ao tratamento e desenvolver novas estratégias para aumentar sua efetividade.OBJECTIVE: To describe the cognitive-behavioral therapy in the treatment of the symptoms of obsessive-compulsive disorder. METHOD: Through the revision of text books and articles the origins and fundamentals of cognitive-behavioral therapy in the treatment of the symptoms of obsessive-compulsive disorder are presented. Through the review of randomized clinical trials and meta-analysis in Medline the evidences of effectiveness of cognitive-behavioral therapy in obsessive-compulsive disorder are highlighted. RESULTS AND CONCLUSIONS: The cognitive-behavioral therapy is effective in reducing symptoms of obsessive-compulsive disorder by approximately 70% of patients who adhere to treatment. The challenges ahead are to clarify the reasons why many patients do not respond to this kind of treatment and develop new strategies to increase its effectiveness.

  11. Transtorno do Desenvolvimento da Coordenação: uma Revisão de Literatura

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Wagner PULZI

    2015-09-01

    Full Text Available RESUMOO movimento possui relação direta com a aprendizagem e com as relações sociais. Crianças que apresentam dificuldades de movimento podem possuir o transtorno do desenvolvimento da coordenação (TDC. O presente artigo trata-se de uma revisão bibliográfica sobre o assunto e teve por objetivo discutir o que foi publicado sobre o TDC entre os anos de 2002 e 2012, apresentando um panorama quanto ao histórico, prevalência, influências na vida cotidiana, acadêmica e social e possibilidades de intervenção. O termo TDC é usado para se referir às dificuldades nas habilidades motoras e que não é devido deficiências de ordem intelectual, sensorial primária ou neurológica. Esse problema afeta a vida das crianças no seu cotidiano, nas atividades de lazer, na escola e na vida social. Na escola, esse transtorno acarreta em baixo rendimento acadêmico, dificuldades de escrita e compreensão de conceitos matemáticos. Na vida social, pode ocorrer o isolamento e a dificuldade de pertencer a um grupo. Tanto os pais como os professores podem auxiliar no desenvolvimento global e social dessas crianças através de estratégias diferenciadas. Atualmente, destaca-se a necessidade de desenvolvimento de propostas que visem desenvolver e potencializar as habilidades dos escolares com dificuldades motoras.

  12. DISFUNÇÃO EXECUTIVA NO TRANSTORNO OBSESSIVO-COMPULSIVO E NA SÍNDROME DE TOURETTE

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Amanda Menezes

    2011-01-01

    Full Text Available Dentre as habilidades cognitivas mais estudadas recentemente estão as funções executivas (FE, que são essenciais na execução de tarefas novas e permitem o engajamento do indivíduo em ações direcionadas a metas. Disfunções executivas são reconhecidas em diversos quadros psiquiátricos, inclusive no transtorno obsessivo-compulsivo (TOC e na síndrome de Tourette (ST. Esta revisão teórica teve por objetivo ampliar o conhecimento a respeito da relação entre alterações de FE e os transtornos mencionados. Em sua maior parte, os estudos científicos voltados à área têm apresentado uma estreita associação entre o prejuízo no funcionamento executivo, o TOC e a ST. Entretanto, há pesquisas que refutam esta afirmação, mostrando que não há ainda uma teoria determinante sobre esta relação. Além disso, mesmo dentre as pesquisas que compartilham a relação entre FE, TOC e ST, não é possível afirmar quais habilidades executivas específicas estão prejudicadas em cada caso. Assim, o estudo permite concluir que, mesmo com o aumento do número de pesquisas realizadas, muitos questionamentos persistem sobre o prejuízo das funções executivas nestes transtornos psiquiátricos. Esses dados revelam a necessidade de mais pesquisas sobre o tema, o que pode vir a melhorar consideravelmente a qualidade dos diagnósticos, prognósticos e tratamentos realizados

  13. Prevalência de transtornos psiquiátricos em portadores de prótese valvar mecânica com e sem febre reumática

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Regina Ponce da Silva

    2011-01-01

    Full Text Available OBJETIVO: Valvulopatias cardíacas, causadas por febre reumática e outras etiologias, podem levar ao implante de prótese valvar mecânica e anticoagulação oral obrigatória. Comorbidade psiquiátrica pode reduzir a adesão à anticoagulação. Esse estudo teve como objetivo avaliar a prevalência de transtornos psiquiátricos em pacientes com prótese valvar mecânica. MÉTODOS: Foram avaliados 193 portadores de prótese valvar mecânica, sendo 135 com cardiopatia reumática, tendo sido utilizada a Mini International Neuropsychiatric Interview, versão 5.0.0, para investigação quanto à presença de transtornos psiquiátricos. RESULTADOS: Foram encontrados os seguintes transtornos psiquiátricos nos pacientes avaliados: transtornos de ansiedade generalizada (16,6%, agorafobia (11,9%, fobia social (10,4%, depressão (9,8%, distimia (4,1% atual e 1% no passado, transtorno obsessivo-compulsivo (3,6%, pânico - vida inteira (1,6%, dependência ou abuso de substâncias (2%, dependência ou abuso de álcool (1%, episódio hipomaníaco (0,5% atual e 0,5% no passado, bulimia (0,5%. O risco de suicídio detectado foi de 13,4%. Ao ser comparada a prevalência dos transtornos no grupo com e sem cardiopatia reumática, não foi encontrada diferença estatisticamente significativa. CONCLUSÃO: Foi encontrada elevada comorbidade de transtornos psiquiátricos, principalmente transtornos ansiosos e depressão, sendo também elevado o risco de suicídio nessa população.

  14. Estresse em familiares de crianças com transtornos do aprendizado

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Renata Mousinho

    2011-05-01

    Full Text Available Introdução: Considerando-se a criança parte ativa no núcleo familiar, um déficit na leitura provoca efeitos em toda a família. O baixo rendimento escolar decorrente de dislexia ou distúrbio de aprendizagem pode aumentar o nível de estresse dos familiares.   Metodologia: participaram do projeto de pesquisa dezesseis responsáveis por crianças atendidas no Ambulatório de Transtornos da Língua Escrita, INDC-UFRJ. Foram utilizados dois questionários, sendo um estruturado: estresse, versão reduzida e um questionário específico de problemas de aprendizagem, semi-aberto, calcado nas dificuldades relatadas pelas famílias na prática clínica. Nos dois casos, as respostas deveriam ser dadas considerando-se os momentos antes e depois do diagnóstico. Resultados: foram reveladas correlações estatísticas (Pearson entre os itens dos dois questionários: significância estatística entre estresse x melhores resultados escolares e estresse x compreensão da escola. Na comparação entre o momento antes e depois do diagnóstico, evidenciou-se decréscimo substancial do impacto do estresse nos seguintes aspectos e momentos: durante o período de provas, na relação com a escola, na baixa auto-estima/ sofrimento da criança, nas terapias de apoio, em relação ao julgamento dos outros, na implicância de colegas, e na não compreensão da própria dificuldade. Conclusão: Transtornos do Aprendizado  podem ser fonte de estresse na família. A compreensão da escola somada aos melhores resultados escolares ajudam a diminuí-lo. O diagnóstico, associado à compreensão das dificuldades, é um período em que a redução se torna mais visível. Tais dados confirmam que é um importante momento para oferecer esclarecimento e apoio aos familiares.

  15. Phonemic discrimination and its relation to phonological disorder Discriminação fonêmica e sua relação com o transtorno fonológico

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Karine Leyla de Castro Oliveira

    2012-12-01

    Full Text Available It was performed a nonsystematic review on the importance of the phonemic discrimination to the phonological acquisition and its relation to the phonological disorder. Studies indicate that phonemic discrimination represents an essential ability in the process of acquiring sounds of speech and that children with phonological disorder present difficulties in that ability.Foi realizada uma revisão não sistemática sobre a importância da discriminação fonêmica para a aquisição dos sons da fala e sua relação com o transtorno fonológico. Os estudos indicam que a discriminação fonêmica representa uma habilidade essencial no processo de aquisição dos sons da fala e que as crianças com transtorno fonológico apresentam dificuldade nesta habilidade.

  16. Transtorno da expressão emocional involuntária Involuntary emotional expression disorder

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Helga Cristina Santos Sartori

    2008-01-01

    disponíveis se baseiam em inibidores seletivos de recaptação de serotonina (ISRS, antidepressivos tricíclicos e, em menor extensão, em drogas dopaminérgicas. O composto AVP-923 está sendo estudado como um possível tratamento específico. CONCLUSÃO: Apesar de ser conhecido há séculos, ainda que sob diferentes nomenclaturas, o IEED permanece subdiagnosticado e, considerando a possibilidade dos efeitos deletérios desse transtorno no funcionamento social, ocupacional e familiar do paciente acometido, seu reconhecimento e conduta adequados são decisivos para possibilitar uma melhoria na qualidade de vida do paciente.BACKGROUND: Involuntary emotional expression disorder (IEED is an affect disturbance caracterized by a difficulty of controlling emotional expression, that is presented as short, stereotyped and uncontrollable episodes of laugh-ter, crying, or both. This disorder is associated to multiple encephalic pathologies, in many anatomical locations. OBJECTIVES: The aims of this review are to describe the clinical, epidemiological and pathophysiological features of IEED and present an overview of current and future treatment approaches. METHODS: Research on databases such as MEDLINE/PUBMED and LILACS, using the terms involuntary emotional expression disorder, pseudobulbar affect, pathological laughter and crying, stroke, Alzheimer's disease, multiple sclerosis, amyotrophic lateral sclerosis. RESULTS: Episodes of laughing and crying that occurs in involuntary emotional expression disorder besides being uncontrollable,they are also disproportionate to motivating stimulus, and they can even be completly dissociated from the patient's mood or even contraditory to the context to which stimuli occurs. Other terms have been used in the nosography of this disorder, like pseudobulbar affect, pathological laughter and crying, emotional lability, emotionalism and emotional dysregulation. Terms such as forced crying, involuntary crying, pathological emotionality and

  17. Sentimento do portador de transtorno mental em processo de reabilitação psicossocial frente à atividade de recreação

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Angelina Moda Machado

    2011-04-01

    Full Text Available As terapias tradicionais têm potencial para controlar a sintomatologia psiquiátrica, mas não oferecem condições de manutenção desse controle. Assim, as modalidades terapêuticas não tradicionais se apresentam como um meio para auxiliar nessa manutenção. Este estudo objetivou levantar os sentimentos que portadores de transtornos mentais têm ao participarem de um programa de atividades de recreação. Para isso, 10 usuários de um Centro de Atenção Psicossocial após participarem de 10 sessões de Atividades de Recreação, foram submetidos a uma entrevista, que mostrou como resultados, sentimentos de prazer, tranquilidade, emoção e união, sendo possível considerar que se trata de uma atividade importante na assistência em saúde mental, influenciando favoravelmente na reabilitação psicossocial. Os sentimentos extremamente positivos apresentados, levam ao entendimento de que essa atividade tem realmente um grande potencial para auxiliar no controle da sintomatologia, oferecendo ao portador de transtorno mental mais chances de controle dos sintomas provenientes de seus transtornos.

  18. Autoestima, insatisfação corporal e internalização do ideal de magreza influenciam os comportamentos de risco para transtornos alimentares?

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Leonardo de Sousa Fortes

    2015-06-01

    Full Text Available OBJETIVO: O objetivo do presente estudo foi verificar a influência da autoestima, da insatisfação corporal e da internalização do ideal de magreza nos comportamentos de risco para transtornos alimentares de adolescentes do sexo feminino. MÉTODOS: Participaram do estudo 471 jovens. Utilizou-se a Escala de Autoestima de Rosemberg, o Body Shape Questionnaire e o Sociocultural Attitudes Towards Appearance Questionnaire-3 para avaliar autoestima, insatisfação corporal e internalização do ideal de magreza, respectivamente. As subescalas do Eating Attitudes Test foram utilizadas para avaliar os comportamentos de risco para transtornos alimentares. RESULTADOS: Os resultados indicaram influência dos escores do Body Shape Questionnaire (p0,05. CONCLUSÃO: Concluiu-se que a insatisfação corporal e a internalização do ideal de magreza influenciam os comportamentos de risco para transtornos alimentares em adolescentes do sexo feminino, fato que não foi evidenciado para a autoestima.

  19. Prevalência de transtornos mentais comuns entre trabalhadores marítimos do Rio de Janeiro Common mental disorders prevalence among maritime workers of Rio de Janeiro

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Jorge Luiz Lima da Silva

    2017-07-01

    Full Text Available Objetivo: descrever a prevalência de transtornos mentais comuns entre trabalhadores marítimos. Método: trata-se de  estudo transversal realizado com 316 funcionários de empresa de transporte hidroviário. A pesquisa foi aprovada no CEP sob o  CAAE 0271.0.258.258-11, a coleta dos dados foi realizada em 2012. A variável transtorno mental comum foi investigada de acordo com o Self Reporting Questionnaire. Resultados: constatou-se a prevalência geral de 14,24%. Notou-se que o grupo de sintomas humor depressivo e ansioso foi o mais expressivo.  Sexo feminino, renda familiar abaixo da média, alta carga horária semanal, estresse autorreferido, pensamento de abandono do emprego, categoria marinheiro de máquinas, sedentarismo e não tabagismo mostraram-se associados ao desfecho. Conclusão: é necessária a criação de projetos ocupacionais consistentes, com equipes multidisciplinares, tendo em vista a promoção da saúde e qualidade de vida no ambiente de trabalho e a redução de transtornos mentais.

  20. Transtorno de estresse pós-traumático e funções cognitivas Post traumatic stress disorder and cognitive functions

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Christian Haag Kristensen

    2006-06-01

    Full Text Available O Transtorno de Estresse Pós-Traumático (TEPT é um transtorno prevalente, associado a alterações neurobiológicas e cognitivas. O presente artigo é um estudo teórico sobre as aplicações da avaliação neuropsicológica no TEPT. Inicialmente são revisados aspectos conceituais do transtorno, bem como alterações neurobiológicas relacionadas aos prejuízos cognitivos comumente detectados. Finalmente, argumenta-se que a avaliação dos prejuízos nas funções de memória, atenção e, sobretudo, funções executivas são relevantes tanto para a intervenção clínica junto ao paciente quanto para o refinamento das teorias psicológicas do TEPT.Post Traumatic Stress Disorder (PTSD is a prevalent disorder which is associated with neurobiological and cognitive impairments. This paper is a theoretical review of the uses of neuropsychological assessment in PTSD. Conceptual aspects of this disorder are reviewed, as well as the neurobiological alterations related to cognitive impairments. Finally, it is argued that the assessment of memory, attention, and executive function impairments is as relevant to the clinical intervention as it is to the refinement of the psychological theories of PTSD.

    1. Perfectionism in obsessive-compulsive and eating disorders Perfeccionismo no transtorno obsessivo-compulsivo e nos transtornos alimentares

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Berta Rodrigues Maia

      2009-12-01

      Full Text Available OBJECTIVE: The main aims of this article are twofold. First, to assess perfectionism dimensions in obsessive-compulsive disorder and eating disorders in comparison with psychiatric control (depression/anxiety and non-clinical control groups. Second, to examine if perfectionism is specifically related to these different clinical conditions. METHOD: Thirty-nine outpatients with obsessive-compulsive disorder, 24 outpatients with eating disorders, 65 outpatients with a diagnosis of depression and/or anxiety, and 70 non-clinical participants completed the Portuguese version of the Multidimensional Perfectionism Scale. RESULTS: Compared to non-clinical subjects, individuals of all clinical samples had significantly higher scores on Multidimensional Perfectionism Scale total score, Self-Oriented and Socially-Prescribed Perfectionism. There were no significantly differences in Self-Oriented Perfectionism and Multidimensional Perfectionism Scale total score in all the three clinical samples. Subjects from the eating disorders sample had significantly higher scores of Socially-Prescribed Perfectionism in comparison to obsessive-compulsive disorder and psychiatric control samples. CONCLUSION: Perfectionism showed to be related with this broad range of psychopathologies. However, the differences between eating disorders versus obsessive-compulsive disorder and psychiatric control on Socially-Prescribed Perfectionism warrant further investigation in order to clarify the specificity of this perfectionism dimension in eating disorders.OBJETIVO: Este estudo tem dois objetivos principais. Primeiro, avaliar as dimensões do perfeccionismo no transtorno obsessivo-compulsivo e nos transtornos alimentares em comparação com duas amostras controle: psiquiátrica (depressão/ansiedade e não clínica. Segundo, avaliar se o perfeccionismo é um traço de personalidade especificamente relacionado com estas diferentes condições clínicas. MÉTODO: 39 pacientes com

    2. Transtorno de oposição e desafio e transtorno de conduta: os desfechos no TDAH em adultos Oppositional defiant disorder and conduct disorder: their outcomes into adulthood

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Eugenio Horacio Grevet

      2007-01-01

      Full Text Available Os autores examinam a influência dos transtornos de oposição e desafio (TOD, de conduta (TC e de personalidade anti-social (TPAS ao longo da vida do indivíduo com TDAH. Os principais achados mostram que o TDAH é modulado por essas comorbidades e que seu prognóstico é modificado dependendo da presença ou não desses transtornos. O transtorno de oposição e desafio intensificaria as características de impulsividade e isolacionismo do TDAH, porém não acarretaria em um aumento na incidência de TPAS na vida adulta. Já o TC associado ao TDAH implica um aumento significativo na impulsividade e agressividade, estando associado significativamente a TPAS e um pior prognóstico. A diferenciação entre os diferentes transtornos e seu correto diagnóstico é essencial para o tratamento adequado do TDAH. Futuros estudos precisam determinar se o tratamento do TDAH produziria uma mudança significativa no prognóstico desse grupo de pacientes.The authors examine the influence of oppositional defiant disorder (ODD, conduct disorder (CD and anti-social personality disorder (ASPD on attention deficit/hyperactivity disorder (ADHD across life span. The findings showed that ADHD is modulated by this comorbidities and ADHD prognosis is modified depending on the presence or the absence of those disorders. ODD intensifies ADHD impulsivity and isolationism, but does not lead to an increase in the prevalence of ASPD in adulthood. Otherwise, CD associated with ADHD increases significantly the levels of impulsivity and aggressiveness, is associated with ASPD and a poor outcome. The appropriate approach to ADHD must be based on the correct diagnosis of different comorbidities to predict the outcomes. Further studies are needed to investigate if the treatment of ADHD can produce a significant improvement on the outcomes of this group of patients.

    3. Familiares de pessoas diagnosticadas com transtornos alimentares: participação em atendimento grupal

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Laura Vilela e Souza

      Full Text Available O discurso biomédico com foco no diagnóstico frequentemente tem sido utilizado como recurso exclusivo para informar a assistência aos familiares de pessoas diagnosticadas com anorexia nervosa e bulimia nervosa. Este estudo buscou compreender como essas famílias constroem justificativas para participação em um grupo de apoio no contexto de tratamento dos transtornos alimentares. Uma sessão desse grupo, que abordava a temática de nosso interesse, foi analisada com apoio do discurso construcionista social. A análise empreendida destacou os sentidos coproduzidos sobre a ausência de alguns familiares no grupo, a diminuição de frequência de participação dos pais, a função desse grupo no tratamento, a periodicidade ideal de participação da família e a possibilidade de familiares e coordenadores do grupo coconstruírem o espaço conversacional.

    4. Influência do nível socioeconômico sobre comportamentos de risco para transtornos alimentares em adolescentes Socioeconomic influence on eating disorders risk behaviors in adolescents

      OpenAIRE

      Karin Louise Lenz Dunker; Cássia Peres Bonar Fernandes; Daniel Carreira Filho

      2009-01-01

      OBJETIVO: Investigar comportamentos de risco para transtornos alimentares (TA) em adolescentes de diferentes níveis socioeconômicos. MÉTODO: 183 adolescentes do sexo feminino de 15 a 18 anos de duas escolas (pública e particular) foram avaliadas quanto à renda e escolaridade dos pais, estado nutricional, comportamentos de risco para TA (Teste de Atitudes Alimentares - EAT-26), atitudes socioculturais quanto à aparência (Escala das Atitudes Socioculturais Voltadas para Aparência - SATAQ-3), pe...

    5. ESTABELECIMENTO DO CONTRASTE ENTRE AS FRICATIVAS POR CRIANÇAS COM TRANSTORNO FONOLÓGICO: MANIPULAÇÃO DE PISTAS ACÚSTICAS

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Alessandra Pagliuso dos Santos CORRÊA

      2015-06-01

      Full Text Available O presente trabalho versa sobre a presença de contrastes encobertos na fala de crianças com transtorno fonológico. A hipótese perseguida é a de que as crianças com transtorno fonológico se ancoram em pistas acústicas secundárias na tentativa de estabelecer contrastes fônicos da língua. Para tanto, foram utilizadas cinco gravações em áudio, advindas de cinco crianças entre 4 e 5 anos com transtorno fonológico, que apresentavam as chamadas “substituições fônicas” envolvendo a classe de sons das fricativas. Os dados foram editados e analisados com o uso do software PRAAT. Foi realizada uma transcrição fonética da primeira repetição (R1 de cada criança, por três juízes, e considerada a concordância de 66%. A partir dessa transcrição, foi realizada a análise fonológica contrastiva acústica de todas as “substituições” envolvendo a classe de sons das fricativas, a partir de seis parâmetros. Verificou-se a existência de contrastes encobertos nas produções tidas como homófonas auditivamente, representando um total de 54% do total das “substituições” identificadas pelos juízes. As crianças com transtorno fonológico ancoram-se preferencialmente em pistas acústicas secundárias na tentativa de distinguir os fones fricativos. Os dados obtidos neste estudo permitem reflexão acerca da importância de se considerar o detalhe fonético no interior dos modelos fonológicos.

    6. Atuação do psicólogo frente aos transtornos globais do desenvolvimento infantil

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      José Carlos Souza

      Full Text Available O artigo apresenta revisão bibliográfica sobre a atuação do psicólogo frente aos transtornos globais do desenvolvimento infantil, especificamente sobre autismo infantil, síndrome de Asperger e síndrome de Rett. Inicialmente, apresenta-se uma noção do desenvolvimento infantil, e, então, abordam-se possíveis transtornos, com suas respectivas definições, etiologias, critérios diagnósticos, diagnóstico diferencial e tratamento. Durante o processo de intervenção e prevenção junto à criança, destacam-se a importância do psicólogo no tratamento e a eficácia dos recursos psicoterápicos para a melhora de qualidade de vida da criança com a síndrome.

    7. Transtornos mentais comuns e qualidade de vida em jovens: uma amostra populacional de Pelotas, Rio Grande do Sul, Brasil

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Karen Jansen

      2011-03-01

      Full Text Available O objetivo foi verificar a prevalência de transtornos mentais comuns (TMC e sua associação com qualidade de vida em jovens da cidade de Pelotas, Rio Grande do Sul, Brasil. Estudo transversal de base populacional com jovens de 18 a 24 anos. A seleção amostral foi realizada por conglomerados. Para a investigação dos transtornos mentais comuns foi aplicado o Self Report Questionnaire (SRQ-20, enquanto os níveis de qualidade de vida foram mensurados por intermédio da Medical Outcomes Survey Short-form General Health Survey (SF-36. A prevalência de TMC na amostra estudada foi de 24,5% (N = 382, apresentando-se mais evidente entre as mulheres, entre aqueles que pertenciam à menor classe socioeconômica (D ou E, não estavam estudando, não estavam trabalhando, consumiram álcool e usaram tabaco pelo menos uma vez na última semana e que fizeram uso de alguma substância ilícita nos últimos três meses. Os jovens com TMC obtiveram uma menor média nos escores da SF-36 em todos os domínios de qualidade de vida avaliados. Deve-se investir em medidas preventivas de TMC no intuito de proporcionar uma melhor qualidade de vida à população.

    8. Dissociação e transtornos dissociativos: modelos teóricos Dissociation and dissociative disorders: theoretical models

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Paulo Jacomo Negro Junior

      1999-12-01

      Full Text Available A compreensão da experiência dissociativa e das origens dos transtornos dissociativos é difícil devido à complexidade da questão. As contradições da classificação são decorrentes das dificuldades de se construir uma teoria da mente abrangente que unifique neurobiologia e psicodinâmica. Os autores discutem as bases conceituais da dissociação com ênfase na integração entre neurobiologia e fenomenologia. O papel do aprendizado é amplamente discutido, assim como as teorias atuais de neodissociação, trauma e sociocognitivismo para os transtornos dissociativos.It is challenging to understand the dissociative experiences and the origins of dissociative disorders. Contradictions of classification are due to the intrinsic difficulties to build up a theory of the mind that unifies neurobiology and psychodynamics. The authors discuss the conceptual basis of dissociation, with emphasis on the integration of neurobiology and phenomenology. The role of learning is discussed as well as the neodissociative, trauma, and sociocognitive theories for dissociative disorders.

    9. Atuação do psicólogo frente aos transtornos globais do desenvolvimento infantil

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      José Carlos Souza

      Full Text Available Os autores fazem uma revisão bibliográfica sobre a atuação do psicólogo frente aos transtornos globais do desenvolvimento infantil, especificamente sobre: autismo infantil, síndrome de Asperger e síndrome de Rett. Inicialmente, apresenta-se uma noção do desenvolvimento infantil, e, então, abordam-se os possíveis transtornos, com suas respectivas definições, etiologias, critérios diagnósticos, diagnóstico diferencial e tratamento. Durante o processo de intervenção e prevenção junto à criança, destacam-se a importância do psicólogo no tratamento e a eficácia dos recursos psicoterápicos para a melhora de qualidade de vida da criança com a síndrome.

    10. Diversidade de resultados no estudo do transtorno de déficit de atenção e hiperatividade

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Célia G. Oliveira

      Full Text Available Com este artigo pretende-se abordar a problemática da diversidade de dados na investigação do Transtorno de Déficit de Atenção e Hiperatividade (TDAH. Apresenta-se uma revisão da literatura centrada na heterogeneidade de conclusões relativas à caracterização do transtorno, à distinção dos subtipos, aos contextos de informação, às diferenças de gênero e à comorbidade. Na tentativa de compreender a disparidade de conclusões, salientam-se potenciais fatores explicativos, nomeadamente a heterogeneidade das amostras, a diversidade de metodologias e de procedimentos de investigação, entre outros. A revisão efetuada baseou-se, majoritariamente, em publicações referenciadas pelas bases de dados PsycInfo e ERIC, e, pontualmente, PubMed e Elsevier Direct.

    11. Transtorno alimentar e construção de si no relacionamento profissional-usuário

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Laura Vilela e Souza

      2014-08-01

      Full Text Available O entendimento da Anorexia e Bulimia Nervosa como entidades psicopatológicas legitima algumas versões de si que se impõem aos usuários dos serviços de saúde. O objetivo deste estudo foi compreender de que maneira os diferentes posicionamentos das pessoas diagnosticadas com esses transtornos alimentares constrangem a construção de seus relacionamentos com os cuidadores profissionais. A perspectiva construcionista social fundamentou esta pesquisa. Usuários de um serviço de assistência em transtornos alimentares foram entrevistados individualmente. A análise do material mostrou como o diagnóstico cumpre papel fundamental e, por vezes, único na definição de quem é a pessoa atendida. O conceito do "ser relacional" foi ofertado para que os profissionais de saúde possam pensar a possibilidade de desenharem novos cenários relacionais com o usuário, de modo a incluir a noção de self como movimento, e não estabilidade.

    12. Dispositivo robótico para guiagem de agulhas flexíveis em procedimentos minimamente invasivos

      OpenAIRE

      Geraldes, André Augusto

      2016-01-01

      Agulhas flexíveis constituem uma nova tecnologia para a realização de procedimentos cirúrgicos minimamente invasivos. Devido a sua capacidade de curvar dentro do corpo do paciente, elas tem potencial de melhorar a performance de diferentes procedimentos cirúrgicos, no entanto o posicionamento preciso deste tipo de agulha ainda é um desafio em aberto na comunidade científica. Neste contexto, este trabalho apresenta o desenvolvimento de um novo dispositivo robótico para guiagem de agulhas flexí...

    13. Tratamento do transtorno esquizoafetivo Treatment of the schizoaffective disorder

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Lucas de Castro Quarantini

      2005-01-01

      Full Text Available O tratamento farmacológico do transtorno esquizoafetivo (TE é usualmente realizado com antipsicóticos, estabilizadores do humor e antidepressivos. Verifica-se a falta de estudos epecificamente desenhados para avaliar a resposta de pacientes esquizoafetivos à medicação. Portanto, as informações sobre o tratamento de pacientes com TE são derivadas de bancos de dados de paciente com esquizofrenia e transtornos bipolares. Dados de pesquisa apóiam a idéia de um continuum entre os transtornos bipolares e a esquizofrenia. As duas condições podem ser tratadas com antipsicóticos, o que pode refletir uma base fisiopatológica comum para ambas.The pharmacological treatment of schizoaffective disorders (SD is usually carried out with antipsychotics, mood stabilizers and antidepressants. There is a lack of clinical trials specifically designed to assess the clinical response of schizoaffective patients to medication. Therefore, data on the treatment of patients with SD is largely derived from datasets of patients with schizophrenia and bipolar disorders. Research data support the idea of a continuum between bipolar and schizophrenic disorders. Both disorders can be treated with antipsychotics and this may reflect a common pathophysiological diathesis.

    14. Comparison of nuclear grade and immunohistochemical features in situ and invasive components of ductal carcinoma of breast Comparação do grau nuclear e perfil imunoistoquímico nos componentes in situ e invasivo de carcinoma mamário

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Fernando Nalesso Aguiar

      2013-03-01

      (RE/RP-negativo/HER2-positivo e triplo-negativo (RE/RP/HER2-negativo. A discriminação entre luminal A e Luminal B não foi feita por motivos estatísticos. Correlações entre as categorias dos dois grupos foram feitas pelo método de correlação de Spearman. RESULTADOS: Houve significante associação entre grau nuclear (p<0,0001, expressão de RE/RP (p<0,0001, superexpressão de HER2 (p<0,0001, expressão de EGFR (p<0,0001 e perfil molecular (p<0,0001 entre os componentes in situ e invasivo. CK5/6 mostrou distribuição distinta em CDIS e CI, apresentando significante associação com o fenótipo triplo-negativo em CI, mas uma associação negativa ente os CDIS. CONCLUSÕES:Nossos resultados sugerem que as características prognósticas e preditivas clássicas dos CI estão já determinadas no estágio pré-invasivo da doença. Entretanto, o papel da CK5/6 no carcinoma invasivo pode ser diferente daquele das lesões precursoras.

    15. Funções executivas e estrutura de sintomas do transtorno de déficit de atenção e hiperatividade em duas culturas distintas

      OpenAIRE

      Flávia Wagner

      2014-01-01

      O objetivo geral deste trabalho foi comparar crianças e adolescentes com Transtorno de Déficit de Atenção e Hiperatividade (TDAH) de duas culturas distintas. Para isso, foram analisados dados de dois centros de excelência em pesquisa do TDAH, sendo um do Brasil e outro dos Estados Unidos. A tese foi composta por três estudos. O primeiro, de caráter teórico, teve por objetivo apresentar os principais modelos cognitivos do TDAH e revisar os principais achados atuais em relação à neuropsicologia...

    16. Para além de um transtorno : considerações sobre os sintomas de pânico à luz da terapia sistêmica

      OpenAIRE

      2015-01-01

      O atendimento clínico a pacientes marcados pelo intenso e devastador sofrimento físico e psíquico ocasionado por súbitas crises de pânico foi o ponto de partida que nos conduziu a esta trajetória de pesquisa. Nesta dissertação tivemos como objetivo analisar os sintomas de pânico a partir do referencial da terapia sistêmica. Uma vez que a maioria dos pacientes chegava ao consultório de psicologia já diagnosticada como portadores do ¿transtorno de pânico¿ e fazendo uso de uma com...

    17. Transtorno de déficit de atenção/hiperatividade, comorbidades e situações de risco

      OpenAIRE

      Marcelo C. Reinhardt; Reinhardt,Caciane A.U.

      2013-01-01

      OBJETIVO: O transtorno de déficit de atenção/hiperatividade (TDAH) apresenta alta prevalência, e seus sintomas apresentam-se frequentemente como um problema de saúde pública considerável. Assim, o objetivo desta revisão é verificar estas situações de urgência provocadas por determinadas comorbidades, ou por expor o paciente a um maior risco de acidentes. FONTE DOS DADOS: Foi realizada uma pesquisa bibliográfica na base de dados PubMed entre os anos de 1992 e 2012, utilizando os descritores "a...

    18. Estado atual da clínica psiquiátrica do transtorno obsessivo-compulsivo

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Ana G . Hounie

      Full Text Available Este artigo revisa a literatura sobre o transtorno obsessivocompulsivo com o objetivo de informar o estado atual da pesquisa científica nesse tema. Os autores citam a literatura internacional buscando enfatizar a pesquisa nacional, principalmente a pesquisa do seu grupo, o Projeto Transtornos do espectro Obsessivo-compulsivo.

    19. Imunologia do transtorno bipolar Immunology of bipolar disorder

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Izabela Guimarães Barbosa

      2009-01-01

      Full Text Available OBJETIVO: Pesquisas recentes têm implicado fatores imunes na patogênese de diversos transtornos neuropsiquiátricos. O objetivo do presente trabalho é revisar os trabalhos que investigaram a associação entre transtorno bipolar e alterações em parâmetros imunes. MÉTODOS: Artigos que incluíam as palavras-chave: "bipolar disorder", "mania", "immunology", "cytokines", "chemokines", "interleukins", "interferon" e "tumor necrosis factor" foram selecionados em uma revisão sistemática da literatura. As bases de dados avaliadas foram MedLine e Scopus, entre os anos de 1980 e 2008. RESULTADOS: Foram identificados 28 trabalhos que estudaram alterações imunes em pacientes com transtorno bipolar. Seis artigos investigaram genes relacionados à resposta imune; cinco, autoanticorpos; quatro, populações leucocitárias; 13, citocinas e/ou moléculas relacionadas à resposta imune e seis, leucócitos de pacientes in vitro. CONCLUSÕES: Embora haja evidências na literatura correlacionando o transtorno bipolar a alterações imunes, os dados não são conclusivos. O transtorno bipolar parece estar associado a níveis mais elevados de autoanticorpos circulantes, assim como à tendência à ativação imune com produção de citocinas pró-inflamatórias e redução de parâmetros anti-inflamatórios.OBJECTIVE: Emerging research has implicated immune factors in the pathogenesis of a variety of neuropsychiatric disorders. The objective of the present paper is to review the studies that investigated the association between bipolar disorder and immune parameters. METHODS: Papers that included the keywords "bipolar to disorder", "mania", "immunology", "cytokines", "chemokines", "interleukins", "interferon" and "tumor necrosis factor" were selected in a systematic review of the literature. The evaluated databases were MedLine and Scopus in the period between 1980 and 2008. RESULTS: Twenty eight works were found. Six studies investigated immune response

    20. Transtornos alimentares: patologia ou estilo de vida? Eating disorders: disease or life style?

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Liliane de Jesus Bittencourt

      2013-01-01

      Full Text Available A internet se apresenta como um novo espaço de reconfiguração das relações sociais, por isso jovens com transtornos alimentares vêm utilizando-a como forma de expressão, através das comunidades pró-anorexia e bulimia. Este artigo visa compreender a diferença entre o discurso hegemônico e a crença destas jovens, a partir das teorias antropológicas sobre a influência da cultura na saúde e na doença, da teoria da bioascese e das teorias feministas. Usando a interpretação de sentidos, percebe-se que os transtornos alimentares são considerados estilos de vida, nos quais se busca fugir ao sofrimento através do controle dos corpos e dos desejos. Há uma trama entre controle, poder e dominação, no qual as jovens pleiteiam autonomia e independência, a sociedade define e normatiza seus corpos, e dessa forma, impõem uma dominação, e os profissionais, baseados nos discursos da saúde, intentam ensiná-las como controlá-los, exercendo, de certa forma, um poder sobre o outro.The internet is a new space of reconfiguration of the social relationship therefore young people with eating disorders have been using the net as a way of expressing themselves, through the pro-anorexia and bulimia communities. This paper attempt to understand the difference between hegemonic approaches and the belief of these young people, from anthropological theories about the health and the disease, the bioascese and feminist theories. Using the interpretation of meanings it's noticed that the eating disorders are considered lifestyles whereby we seek to escape the suffering through the control of bodies and desires. There is a plot between control, power and domination, in which young people plead for autonomy and independence, the society defines and regulates their bodies, and thus impose a domination, and the professionals having the health discourses as bases, intend to teach them how to control their bodies, exerting somewhat a power over the other.

    1. Comunicação e transtornos do espectro do autismo: análise do conhecimento de professores em fases pré e pós-intervenção

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Andréa Regina Nunes Misquiatti

      2014-04-01

      Full Text Available Objetivo analisar o conhecimento de professores de ensino fundamental sobre a comunicação de pessoas com transtornos do espectro do autismo, em dois momentos distintos, pré e pós-intervenção. Métodos trata-se de um estudo descritivo comparativo, em que participaram 160 professores de escolas municipais de ensino fundamental, de ambos os gêneros, com idades entre 23 e 65 anos. Para verificar o conhecimento dos professores sobre a comunicação nos transtornos do espectro do autismo, foi elaborado e aplicado um questionário especificamente para este estudo. O instrumento, oferecido aos professores, foi aplicado em dois momentos distintos, pré e pós-intervenção. O procedimento de intervenção constou de dois encontros, de quatro horas cada, conduzidos por fonoaudiólogos e entrega de manual de orientação sobre os transtornos do espectro do autismo, com ênfase em aspectos da comunicação e linguagem. Foram analisadas e comparadas as respostas pré e pós-intervenção. Os resultados foram tratados estatisticamente (p<0,05 e em alguns casos p<0,01; foi utilizado o teste de Qui-quadrado para Proporções. Resultados foi possível observar que os professores apresentavam conhecimento restrito sobre a comunicação nos transtornos do espectro do autismo e sobre esses quadros clínicos de modo geral. Além disso, verificou-se aumento significante de respostas corretas por parte dos professores após a intervenção. Conclusão constatou-se um restrito conhecimento dos professores sobre a comunicação nos transtornos do espectro do autismo e efeitos positivos do procedimento de intervenção, por meio da análise comparativa entre as fases pré e pós-intervenção, que evidenciou aumento significante de respostas adequadas sobre os transtornos do espectro do autismo.

    2. Sleep disorders frequency in post-polio syndrome patients caused by periodic limb movements Frequência de transtornos do sono em pacientes com síndrome pós-pólio causados por movimentos periódicos dos membros

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Maria Auxiliadora de Paiva Araujo

      2010-02-01

      Full Text Available Post-polio syndrome (PPS in individuals with polio longer than 15 years is characterized by weakness and/or muscle fatigue, deficit of deglutition and breath and periodic limb movements (PLM during sleep. We undertook a review of 99 patients with PPS, and assessed the frequency of PLM through polysomnographic recordings at our sleep disorders unit. The total number of PLM, total time of sleep (TTS, efficiency of sleep (EfS, awaking index (AI and apnea-hypopnea index (AHI were analyzed. Sixteen patients presented PLM in excess of 5 for the entire night. When comparing these with the group without PLM, a correlation was found (p=0.001. Significant difference was found for the correlation of the parameters: IAH, ID, TTS and EfS when compared the two groups. There is a close relationship between PPS and PLM.A síndrome pós-pólio (SPP se manifesta em indivíduos que tiveram poliomielite, após 15 anos ou mais. Caracteriza-se por fraqueza e/ou fadiga muscular, déficit de deglutição e respiração e movimentos periódicos dos membros (PLM no sono. Identificou-se a freqüência de PLM no sono em 99 polissonografias de pacientes com SPP, atendidos no ambulatório da Universidade Federal de São Paulo/ Escola Paulista de Medicina. Analisou-se número total de PLM, tempo total de sono (TTS, eficiência do sono (EfS, índice de despertar (ID e índice de apnéia-hipopnéia (IAH. Dezesseis pacientes apresentaram nº de PLM maior que 5 para a noite inteira. Não foi encontrada diferença significativa para a correlação dos parâmetros: índice de apnéia e hipopnéia, índice de despertar, tempo total de sono e eficiência do sono quando comparados os dois grupos. Portanto, considera-se a existência de uma relação entre a presença de PLM e a SPP.

    3. El EENG como método alternativo no invasivo en el registro de la actividad intestinal

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      José De Jesús Moreno Vásquez

      2014-06-01

      Full Text Available El estudio de la motilidad gastrointestinal puede ayudar a diagnosticar la causa frecuente de una gran variedad de síntomas, tales como dolor crónico, dispepsia, síndrome de intestino irritable, crecimiento bacteriano o íleo paralítico, entre otros, son asociados a la disfunción intestinal motora. Sin embargo, la carencia y costos de los equipos médicos hacen difícil la atención al paciente. Aunado a esto, los tiempos para obtener una cita médica para el uso del equipo y análisis conlleva a un resultado tardío, lapso en el que la enfermedad puede avanzar. Por lo tanto, la importancia de identificar el segmento de intestino que está siendo afectado por alguna enfermedad, ayudaría a que las pruebas exploratorias realizadas a los pacientes duraran menos tiempo y el diagnóstico médico sería más exacto y menos subjetivo. Así, el Electroenterograma (EEnG no invasivo, podría ser de gran importancia en el auxilio clínico. El presente trabajo muestra diferentes técnicas de registro no invasivo de la actividad intestinal como alternativas a la detección de alteraciones del sistema digestivo.

    4. Infecciones intrahospitalarias asociadas a dispositivos invasivos en unidades de cuidados intensivos de un hospital nacional de Lima, Perú

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Omayra Chincha

      2013-12-01

      Full Text Available Con el objetivo de describir la incidencia de infecciones intrahospitalarias asociadas a dispositivos invasivos en unidades de cuidados intensivos (UCI del Hospital Nacional Cayetano Heredia se realizó un estudio observacional retrospectivo utilizando datos de la Oficina de Epidemiología y Salud Ambiental durante los años 2010 al 2012. Se notificó un total de 222 infecciones intrahospitalarias, la UCI de Medicina tuvo la incidencia por 1000 días de uso del dispositivo más alta para neumonía asociada a ventilador mecánico (28,6; infección del torrente sanguíneo asociado a catéter venoso central (11,9, e infección del tracto urinario asociado a catéter (8,1. Los principales agentes infecciosos aislados fueron Pseudomona sp. (32,3% en la UCI de emergencia, Staphylococcus coagulasa negativo(36% en la UCI de medicina y Candida sp (69,2% en la UCI de cirugía. Las tasas de infecciones asociadas a dispositivos invasivos se reportaron altas semejantes a otros hospitales nacionales con limitados recursos e infraestructura

    5. Infecciones intrahospitalarias asociadas a dispositivos invasivos en unidades de cuidados intensivos de un hospital nacional de Lima, Perú

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Omayra Chincha

      Full Text Available Con el objetivo de describir la incidencia de infecciones intrahospitalarias asociadas a dispositivos invasivos en unidades de cuidados intensivos (UCI del Hospital Nacional Cayetano Heredia se realizó un estudio observacional retrospectivo utilizando datos de la Oficina de Epidemiología y Salud Ambiental durante los años 2010 al 2012. Se notificó un total de 222 infecciones intrahospitalarias, la UCI de Medicina tuvo la incidencia por 1000 días de uso del dispositivo más alta para neumonía asociada a ventilador mecánico (28,6; infección del torrente sanguíneo asociado a catéter venoso central (11,9, e infección del tracto urinario asociado a catéter (8,1. Los principales agentes infecciosos aislados fueron Pseudomona sp. (32,3% en la UCI de emergencia, Staphylococcus coagulasa negativo(36% en la UCI de medicina y Candida sp (69,2% en la UCI de cirugía. Las tasas de infecciones asociadas a dispositivos invasivos se reportaron altas semejantes a otros hospitales nacionales con limitados recursos e infraestructura

    6. Quando a instituição escolar contribui para a violência: um olhar sobre os portadores de transtornos de aprendizagem

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Maria Lúcia Moreira Gomes

      2012-10-01

      Full Text Available Falar sobre violência na escola parece investir em assunto corriqueiro e com ares de modernidade, atribuindo a esta o sentido de um problema que se agiganta. No entanto, podemos afirmar que a escola não está dando conta de seus alunos reais porque ela continua sendo a escola ideal para alunos ideais. Estudos comprovam que as dificuldades de aprendizagem trazem em seu bojo, no caso específico dos transtornos de aprendizagem, um fator importante a ser considerado que é o desconhecimento do assunto por parte dos educadores. Este fato, aliado a situações de bulling, é, comprovadamente, um dos fatores desencadeadores da violência escolar.

    7. Modos de morar de pessoas com transtorno mental grave no Brasil: uma avaliação interdisciplinar

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Juarez Pereira Furtado

      2013-12-01

      Full Text Available Apresentamos pesquisa avaliativa qualitativa sobre modos de morar de pessoas com transtorno mental grave, vinculadas às redes municipais de saúde mental de três cidades de grande porte. Realizamos observação participante de dez moradores e respectivos cuidadores de Serviços Residenciais Terapêuticos (SRT e acompanhamos o cotidiano de oito usuários de Centros de Atenção Psicossocial (CAPS que constituíram suas moradias por iniciativas próprias. Os moradores e usuários também foram entrevistados em profundidade. O material de campo foi analisado, segundo o método interpretativo, da perspectiva de arquitetos, antropólogos, psicanalistas e sanitaristas. Os resultados apontam carência de processos sistemáticos de reabilitação psicossocial dos moradores de SRT e despreparo dos cuidadores para lidarem com a complexidade de demandas para seu acompanhamento, além de baixo envolvimento dos CAPS com os SRT. Por outro lado, usuários ligados aos CAPS, que não moram em SRT, apresentaram criativa diversidade nos modos de constituir suas moradias e maior interação com a comunidade, embora alguns contem com o apoio de albergues e asilos para resolver suas necessidades. Algumas direções para a superação dos problemas encontrados são apontadas ao final do texto.

    8. Determinación de niveles de glucosa antes del tratamiento dental, comparando dos métodos no invasivos y un invasivo en pacientes de las clínicas de posgrado de la UDLSB

      OpenAIRE

      Corina Flores Hernández; José Guadalupe Carrillo Soto; Mauricio González Del Castillo Silva; Luis Antonio Fandiño Torres; Carlos Humberto Jiménez González

      2008-01-01

      Introducción: La glucosa es el hidrato de carbono más elemental y esencial para la vida, es el componente inicial o el resultado de las principales rutas del metabolismo de los glúcidos. Con la aparición de los tests a partir de los años 80 es posible medir la glucosa capilar con una sola gota de sangre con reflectómetros automatizados (glucómetros) que en la actualidad son tan precisos como si la muestra fuera tomada en el mismo laboratorio y reporta los niveles de glucemia en menos de un m...

    9. Comorbidade: uso de álcool e outros transtornos psiquiátricos Comorbidity: alcohol use and other psychiatric disorders

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Hamer Alves

      2004-05-01

      Full Text Available Os transtornos relacionados ao consumo de álcool freqüentemente coexistem com outras doenças psiquiátricas e sua incidência parece estar aumentando nas últimas décadas. Estudos demonstram que pacientes com comorbidade, principalmente aqueles com transtornos psiquiátricos graves, apresentam maiores taxas de suicídio, recaídas, gastos com tratamento, falta de moradia e utilizam mais os serviços médicos. A avaliação deve ser minuciosa, pois o diagnóstico diferencial torna-se complicado sem um longo período de abstinência do álcool. Esses pacientes costumam ter um prognóstico pior, além de serem de difícil tratamento. A maioria dos estudos nesse campo tem indicado que integração de técnicas psicossociais e farmacológicas é mais efetiva. O tratamento de longo prazo deve focar-se na minimização dos sintomas, melhora do funcionamento social e familiar, treinamento de habilidades e prevenção de recaída.Alcohol related disorders often coexist with other psychiatric disorders and its incidence is increasing in last decades. Studies show that patients with comorbidity, specially those with severe psychiatric disorders, have higher rates of suicide, relapse, money spent in treatment, homeless and they use more medical service. Their evaluation must be meticulous because the differencial diagnosis become complicated without a long period of alcohol withdrawal. These patients have a worse prognostic and their treatment is more difficult. Most of studies in this area have indicated that the integration of psychosocial and pharmacological techniques is more effective. The long term treatment must focus in the reduction of symptoms, improvement of social and familiar funcioning, coping skills and relapse prevention.

    10. Application of the Rasch model in measuring personality disorders Aplicação do modelo de Rasch na medida de transtornos da personalidade

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Lucas de Francisco Carvalho

      2012-01-01

      Full Text Available OBJECTIVE: To describe item and person parameters obtained with the Rasch model, one of the item response theory models, in the assessment of personality disorders based on Millon's theory. METHOD: A total of 350 people participated in the study. Age ranged from 18 to 67 years (mean ± standard deviation = 27.02±10.13, and 71.7% of the participants (n = 251 were female. Of the 350 individuals, 21.1% (n = 74 answered affirmatively about being under psychiatric treatment and taking psychiatric medications. The Personality Disorders Dimensional Inventory (PDDI, an instrument designed to assess personality disorders according to Millon's theory, was applied to all participants. Data were analyzed using the Rasch model. RESULTS: Overall, analysis with the Rasch model revealed that the PDDI has adequate psychometric properties for the assessment of personality disorders. CONCLUSION: Among the contributions of item response theory models for clinical instruments, the Rasch person-item map deserves to be highlighted as a successful attempt to improve the understanding of clinical scores obtained in response to particular test items.OBJETIVO: Descrever os parâmetros de itens e pessoas obtidos com o modelo de Rasch, um dos modelos da teoria de resposta ao item, na avaliação de transtornos da personalidade de acordo com a teoria de Millon. MÉTODO: Participaram do estudo 350 pessoas. A idade variou de 18 a 67 anos (média ± desvio padrão = 27.02±10.13, e 71.7% (n = 251 eram do sexo feminino. Dos 350 participantes, 21.1% (n = 74 responderam afirmativamente sobre estarem em tratamento psiquiátrico e utilizarem medicamento psiquiátrico. O Inventário Dimensional de Transtornos da Personalidade (IDTP, destinado à avaliação dos transtornos da personalidade com base na teoria de Millon, foi aplicado a todos os participantes. Os dados foram analisados por meio do modelo de Rasch. RESULTADOS: De modo geral, os resultados da análise por meio do modelo

    11. Serum levels of brain-derived neurotrophic factor in acute and posttraumatic stress disorder: a case report study Nível sérico do fator neurotrófico derivado do cérebro no transtorno de estresse agudo e no transtorno de estresse pós-traumático: relato de casos

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Simone Hauck

      2009-03-01

      Full Text Available OBJECTIVE: The aim of this study was to evaluate brain-derived neurotrophic factor levels in two patients, one with posttraumatic stress disorder and one with acute stress disorder, before and after treatment, and to compare those levels to those of healthy controls. METHOD: Brain-derived neurotrophic factor level, Davidson Trauma Scale, Beck Depression Inventory, Global Assessment of Functioning, and Clinical Global Impression were assessed before and after 6 weeks of treatment. RESULTS: Brain-derived neurotrophic factor levels were higher in patients than in matched controls before treatment. After 6 weeks, there was a reduction in symptoms and an improvement in functioning in both cases. At the same time, brain-derived neurotrophic factor levels decreased after treatment, even in case 2, treated with psychotherapy only. CONCLUSIONS: These results suggest that serum levels of brain-derived neurotrophic factor, as opposed to what has been described in mood disorders, are increased in posttraumatic stress disorder as well as in acute stress disorder.OBJETIVO: O objetivo do estudo foi avaliar os níveis séricos do fator neurotrófico derivado do cérebro em um paciente com transtorno de estresse pós-traumático e em um paciente com transtorno de estresse agudo antes e após o tratamento, comparando esses níveis aos de controles saudáveis. MÉTODO: Os níveis do fator neurotrófico derivado do cérebro, a Escala Davidson de Trauma, o Inventário de Depressão de Beck, a Avaliação do Funcionamento Global e a Impressão Clínica Global foram medidos antes e após seis semanas de tratamento. RESULTADOS: Os níveis de fator neurotrófico derivado do cérebro foram maiores nos pacientes, quando comparados aos controles, antes do tratamento. Depois de seis semanas houve redução dos sintomas e melhora do funcionamento nos dois casos. Ao mesmo tempo, houve redução dos níveis de fator neurotrófico derivado do cérebro, mesmo no caso 2, tratado

    12. Processamento auditivo temporal em crianças com transtorno do déficit de atenção com hiperatividade (TDAH

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Ana Carla Leite Romero

      2015-04-01

      Full Text Available OBJETIVO:comparar os achados da avaliação comportamental do processamento auditivo temporal em crianças com e sem Transtorno do Déficit de Atenção com Hiperatividade.MÉTODOS:participaram desse estudo 30 crianças na faixa etária de 8 a 12 anos, sendo 15 do grupo controle e 15 do grupo pesquisa, com limiares audiométricos dentro dos padrões de normalidade. Como procedimentos foram realizados os testes temporais de padrão de frequência e de duração.RESULTADOS:na comparação entre o grupo controle e grupo pesquisa em ambos os testes - padrão de frequência e padrão de duração foram verificadas diferenças significantes entre os grupos, sendo que o grupo pesquisa apresentou resultados alterados em sua maioria, enquanto que todas as crianças do grupo controle apresentaram resultados normais. Foi possível observar ainda que todas as crianças de ambos os grupos tiveram resultados inferiores para o Padrão de Duração quando comparado aos resultados do Padrão de Frequência e.CONCLUSÃO:a avaliação comportamental do processamento auditivo temporal de crianças com e sem Transtorno do Déficit de Atenção com Hiperatividade, mostrou que os sujeitos com Transtorno do Déficit de Atenção com Hiperatividade apresentaram alterações, enquanto que o grupo sem Transtorno do Déficit de Atenção com Hiperatividade resultados normais em ambos os testes. O presente estudo possibilitou um maior conhecimento da via auditiva central das crianças com e sem Transtorno do Déficit de Atenção com Hiperatividade, porém, outros estudos ainda se fazem necessários, principalmente na literatura nacional, a fim de se conhecer melhor o funcionamento do processamento auditivo dessas populações.

    13. Funções executivas em crianças e adolescentes com transtorno do espectro do autismo: uma revisão = Executive functions in children and adolescents with autism spectrum disorder: a revision

      OpenAIRE

      2013-01-01

      Esse artigo consiste em uma revisão sistemática de estudos publicados entre 2001 e 2011, envolvendo avaliação neuropsicológica das funções executivas em crianças e adolescentes com Transtorno do Espectro do Autismo (TEA). Com base nos critérios de inclusão dessa pesquisa, nove estudos foram encontrados, a partir dos termos neuropsychology e executive functions, combinados ao termo autism, nos indexadores LILACS, PubMed e PsycINFO. A análise dos estudos apontou uma tendência de disfunções exec...

    14. Transtornos psiquiátricos menores e procura por cuidados em estudantes de Medicina

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Marco Antonio Buch Cunha

      Full Text Available A carreira médica pode desencadear alterações patológicas na saúde mental, que podem ter início já na graduação. O objetivo deste estudo foi identificar a prevalência de Transtornos Psiquiátricos Menores (TPMe e a procura por ajuda em estudantes de um curso de Medicina. Trata-se de um estudo transversal, com uma população de 343 estudantes da primeira à quarta série, maiores de 18 anos. Foram realizadas entrevistas, em salas de aula, por meio de dois questionários estruturados, o Self Reporting Questionnaire (SRQ-20 e outro elaborado pelos autores. Análises descritiva, univariada, bivariada e estatística foram utilizadas mediante o programa Microsoft Excel. Os resultados evidenciaram que, entre os acadêmicos com TPMe, 41,6% (a maioria moravam sozinhos e 75% eram mulheres. Entre os acometidos, 59,2% não conheciam qualquer programa e apenas 9,1% procuraram ajuda. O uso de medicamento foi duas vezes mais prevalente em mulheres com TPMe do que em homens, sendo antidepressivos e ansiolíticos os mais usados. A prevalência de 26,1% de TPMe nos alunos, associada a baixa procura por cuidados e a relatos de automedicação, demonstra a inefetividade dos atuais programas de apoio.

    15. Common mental disorders among health care students Transtornos mentais comuns em estudantes da área de saúde

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Vera Lúcia Dutra Facundes

      2005-09-01

      Full Text Available OBJECTIVES: This study aimed to determine the prevalence of common mental disorders (CMDs among the population of graduate students in Physical Education, Nursing, Dentistry and Medicine at the University of Pernambuco, as well as to analyze the relationship between CMDs and some characteristics of the teaching-learning process. METHODS: A cross-sectional study was carried out in the second semester of 2001 involving all students in the second and sixth semesters of each course. A total of 443 students responded to two self-reporting questionnaires: the Self Reporting Questionnaire-SRQ-20 and another questionnaire regarding characteristics of the teaching-learning process. RESULTS: The overall prevalence of CMDs was 34.1% and was significantly higher among students who felt overloaded (OR = 2.67; 95% CI = 1.6-4.5 or reported special situations during childhood and adolescence (OR = 2.55; 95% CI = 1.5-4.4. CONCLUSION: These findings can serve as the basis for development of programs of disease prevention and student mental health care, as well as collaborating with reflections on the teaching-learning processes in university courses.OBJETIVOS: O estudo objetivou determinar a prevalência de Transtornos mentais comuns (TMC na população de estudantes dos cursos de graduação em Educação Física, Enfermagem, Odontologia e Medicina, da Universidade de Pernambuco, e analisar a sua associação com algumas características do processo ensino-aprendizagem. MÉTODOS: Um estudo transversal foi conduzido, no 2º semestre de 2001, com todos os estudantes dos 2º e 6º períodos de cada um dos cursos envolvidos. Um total de 443 alunos respondeu ao Self Reporting Questionnaire-SRQ-20 e a um questionário sobre as características do processo ensino-aprendizagem. RESULTADOS: A prevalência total dos transtornos mentais comuns foi de 34,1%, sendo significativamente maior entre os que se sentiam sobrecarregados (OR = 2,67 IC95% 1,6-4,5 e os que afirmaram a

    16. Prevalência de transtornos depressivos e ansiosos em uma amostra ambulatorial brasileira de mulheres na menopausa Prevalence of depressive and anxiety disorders in a Brazilian outpatient sample of menopausal women

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      André B. Veras

      2006-08-01

      Full Text Available OBJETIVO: Determinar a prevalência dos transtornos depressivo-ansiosos entre mulheres atendidas em um ambulatório de menopausa. METODOLOGIA: Avaliamos, através da entrevista semi-estruturada Mini International Neuropsychiatric Interview, 86 mulheres que encontravam-se em tratamento no ambulatório de menopausa do Instituto de Ginecologia da Universidade Federal do Rio de Janeiro. RESULTADOS: A maioria das mulheres apresentava algum diagnóstico psiquiátrico (57% sendo mais prevalentes o transtorno de ansiedade generalizada (34,9% e a depressão maior (31,4%. O grupo com algum diagnóstico foi representado por mulheres mais jovens, casadas, com menor escolaridade e história familiar para transtornos psiquiátricos. CONCLUSÃO: Observamos uma grande prevalência de transtornos mentais entre mulheres em atendimento ambulatorial na menopausa em nosso estudo, em relação às mulheres em atendimento em outros ambulatórios segundo a literatura. Há também uma alta taxa de prevalência de comorbidades (55,5% dos pacientes com algum transtorno complicadoras do transtorno primário, o que pode representar a evolução para pior prognóstico pela ausência de tratamento precoce e específico.OBJETIVE: To determine the prevalence of depressive and anxiety disorders in women receiving care in a menopause clinic. METHODS: Eighty-six women receiving care in the menopause clinic at Instituto de Ginecologia da Universidade Federal do Rio de Janeiro were assessed using the Mini-International Neuropsychiatric Interview. RESULTS: Most women had a psychiatric diagnosis (57%; generalized anxiety disorder (34.9% and major depression (31.4% were the most prevalent disorders. The group composed of subjects with any disorder was represented by young and married women, with lower schooling level and family history for psychiatric disorders. CONCLUSION: In our study, there was a high prevalence of psychiatric disorders in outpatient women receiving care in a

    17. Saberes e práticas do agente comunitário de saúde no universo do transtorno mental Knowledge and practices of the community health agent in the universe of mental disorder

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Márcia Maria Mont'Alverne de Barros

      2009-02-01

      Full Text Available Esta investigação, de natureza qualitativa, objetivou conhecer os saberes e práticas do agente comunitário de saúde no universo do transtorno mental. Foram entrevistados catorze agentes que atuam na Estratégia Saúde da Família de Sobral, Ceará. Inferimos que a construção dos conceitos acerca do transtorno mental é um processo influenciado por fatores subjetivos e socioculturais e vinculado à vivência de experiências concretas. Os agentes comunitários de saúde utilizam diferentes parâmetros para conceituar uma pessoa com transtornos mentais, como padrões de normalidade ou anormalidade do comportamento e capacidade de realizar julgamentos de fato. O isolamento social emergiu como importante fator, tendo sido relatado, pelos diferentes sujeitos da pesquisa, como causa, conseqüência e como o próprio transtorno mental. O medo, como conseqüência da estranheza causada pelo comportamento das pessoas com transtornos mentais, foi identificado como um importante entrave à atuação dos agentes comunitários de saúde. As estratégias adotadas por estes profissionais, pautadas fundamentalmente no diálogo, revelam a preocupação com a inserção social e com a necessidade de envolvimento das famílias no cuidado das pessoas com transtornos mentais.This qualitative investigation aimed at collecting information about the knowledge and practices of the community health agents related to the universe of mental disorders. Fourteen agents working in the Family Health Program in Sobral, Ceará were interviewed. We deduced that the concepts of mental disorder are constructed in a process influenced by subjective and socio-cultural aspects and in connection with concrete experiences. The community health agents judge mentally disturbed persons on the basis of different criteria such as normal or abnormal behavior standards and the capacity to make judgments. Social isolation emerged as an important factor, considered by the different

    18. Neuroanatomia do transtorno de pânico Neuroanatomy of panic disorder

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Marco Andre Mezzasalma

      2004-09-01

      Full Text Available OBJETIVOS: O Transtorno de Pânico (TP é um transtorno de ansiedade que permite um estudo comparativo de modelos animais visando à elucidação dos circuitos cerebrais envolvidos na sua gênese, embora estes ainda tenham sido pouco discutidos. MÉTODOS: Os autores realizam uma revisão da literatura sobre neurobiologia e neuroanatomia do TP. RESULTADOS: Uma revisão de dados demonstra a existência de uma "rede de medo", que tem como ponto principal o núcleo central da amígdala e compreende o hipotálamo, o tálamo, o hipocampo, a substância cinzenta periaquedutal, o locus ceruleus e outras estruturas do tronco cerebral. Sua presença é evidenciada em estudos de modelos animais de estados emocionais e comportamentais, e sua presença e importância podem ser extrapoladas para o TP em humanos. CONCLUSÃO: Esta rede de medo pode permitir que novos avanços e estudos utilizando técnicas de neuroimagem e/ou psicofármacos possam auxiliar na maior elucidação da circuitos cerebrais do TP.OBJECTIVES: Animal model studies may allow greater elucidation of the cerebral circuits involved in the genesis of panic disorder (PD, but these studies have not yet been fully analyzed. METHODS: The authors review recent literature on the neurobiology and neuroanatomy of PD. RESULTS: In this update, the authors present a revision of data that demonstrates the existence of a "fear network", which has as its main point the central nucleus of the amygdale and includes the hypothalamus, the thalamus, the hippocampus, the periaqueductal gray region, the locus ceruleus and other brainstem structures. Its existence is evidenced in animal studies of emotional and behavioral states, and its presence and importance can be extrapolated to the study of PD in humans. CONCLUSION: This fear network can allow new progresses and studies using neuroimaging techniques and/or psychopharmacological trials, further elucidating the cerebral circuits of PD.

    19. Diagnóstico prenatal no invasivo: Ácidos nucleicos de origen fetal en sangre materna

      OpenAIRE

      Carla Sesarini; Pablo Argibay; Lucas Otaño

      2010-01-01

      Las técnicas actuales de diagnóstico prenatal de enfermedades génicas y cromosómicas incluyen procedimientos invasivos que conllevan un pequeño, pero significativo, riesgo. Por muchos años se ha estudiado la posibilidad de utilizar células fetales en circulación materna; sin embargo, ha fracasado su implementación clínica debido a su escasez y persistencia luego del parto. Desde hace más de una década se detectó ADN fetal libre en sangre de embarazadas. Este sería de origen placentario e inde...

    20. Pedofilia, transtorno bipolar e dependência de álcool e opioides

      OpenAIRE

      Marsden,Vanessa Fabiane Machado Gomes

      2009-01-01

      Diversos estudos investigaram a relação entre psicopatologia e parafilias, especialmente pedofilia. Transtornos de humor e ansiedade, seguidos de transtornos relacionados ao uso de substâncias, são as comorbidades mais prevalentes em pacientes com parafilias. Apresentou- se o caso de um paciente em tratamento para dependência de substâncias (álcool e heroína), transtorno bipolar e pedofilia. É importante frisar que poucos casos relatando comorbidades como essas foram descritos na literatura....

    1. Tratamento farmacológico de transtornos alimentares Pharmacological treatment of eating disorders

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Fábio Tapia Salzano

      2004-01-01

      Full Text Available Os autores revisaram a literatura a respeito do tratamento farmacológico para transtornos alimentares, incluindo anorexia nervosa, bulimia nervosa e transtorno da compulsão alimentar periódica. São apresentadas evidências clínicas relacionadas ao uso de psicofármacos nos transtornos alimentares e apontadas, ainda, as perspectivas futuras para o tratamento.The authors have revised the literature about the pharmacological treatment of eating disorders, including anorexia nervosa, bulimia nervosa and binge-eating disorder. Clinical evidences of the medications action in eating disorders are presented, and future perspectives for the treatment are indicated.

    2. Uma visão psicanalítica sobre pacientes com transtornos alimentares

      OpenAIRE

      2015-01-01

      Considerando que os transtornos alimentares são patologias cuja incidência é crescente no cenário contemporâneo e podem levar à morte ou à incapacitação física e emocional, esta pesquisa tem o objetivo de compreender o sofrimento de pacientes com transtorno alimentar, a fim de possibilitar reflexões teóricas que iluminem as práticas clínicas nesta área. Trata-se de pesquisa qualitativa de orientação psicanalítica, cujo enfoque winnicottiano apoia-se sobre o pressuposto de que o transtorno ali...

    3. Pedofilia, transtorno bipolar e dependência de álcool e opioides

      OpenAIRE

      Vanessa Fabiane Machado Gomes Marsden

      2009-01-01

      Diversos estudos investigaram a relação entre psicopatologia e parafilias, especialmente pedofilia. Transtornos de humor e ansiedade, seguidos de transtornos relacionados ao uso de substâncias, são as comorbidades mais prevalentes em pacientes com parafilias. Apresentou- se o caso de um paciente em tratamento para dependência de substâncias (álcool e heroína), transtorno bipolar e pedofilia. É importante frisar que poucos casos relatando comorbidades como essas foram descritos na literatura.M...

    4. Transtornos de humor refratários a tratamento Treatment-resistant mood disorders

      OpenAIRE

      Rodrigo Machado-Vieira; Soares, Jair C.

      2007-01-01

      OBJETIVOS E MÉTODO: Os transtornos de humor estão entre os transtornos psiquiátricos mais prevalentes. Apesar de novas descobertas e avanços no estudo das bases neurobiológicas e abordagens terapêuticas no transtorno bipolar e depressão recorrente, elevadas taxas de recorrência, sintomas subsindrômicos persistentes e refratariedade terapêutica são aspectos clínicos desafiadores e precisam ser abordados. O objetivo desta revisão da literatura é o de avaliar os conceitos e critérios de resistên...

    5. O relacionamento terapeuta-cliente no tratamento do transtorno obsessivo compulsivo

      OpenAIRE

      Mendes,Neide Aparecida; Vandenberghe,Luc

      2009-01-01

      Este artigo levanta a possibilidade de intervenção no transtorno obsessivo compulsivo por meio da psicoterapia analítica funcional. Trata-se de uma psicoterapia comportamental que se diferencia de tratamentos comportamentais tradicionais, tais como treinamento em habilidades sociais ou dessensibilização, por ser pautada nas oportunidades de mudanças profundas obtidas dentro das limitações de um relacionamento interpessoal íntimo e intenso. O transtorno obsessivo compulsivo é um transtorno de ...

    6. Propriedades psicométricas da Escala de Responsividade Social-2 para Transtornos do Espectro Autista

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Izabela Guimarães Barbosa

      2015-09-01

      Full Text Available Objetivo O objetivo deste trabalho foi avaliar as propriedades psicométricas da versão em português da Escala de Responsividade Social-2 (ERS-2 para crianças e adolescentes com transtorno do espectro autista (TEA. Métodos A ERS-2 foi respondida pelos pais de 90 pacientes com TEA e 25 controles saudáveis. Análises quanto à validade discriminante, índices de confiabilidade e separação, de adequação e calibração dos itens pelo modelo Rasch foram realizadas. Resultados A ERS-2 demonstrou boa consistência interna (alfa de Cronbach = 0,952, um ponto de corte de 41, sensibilidade de 96,8%, especificidade de 100% e valor preditivo negativo de 99,9% para a identificação de TEA. As subescalas apresentaram, de forma geral, adequação ao modelo. No entanto, alguns itens se apresentaram pouco consistentes do ponto de vista estatístico (correlação item-total negativas e misfitting. O mapa de itens mostrou má cobertura da variável latente, especialmente no espectro mais leve do TEA. Conclusão Os resultados deste estudo mostraram que a versão em português da ERS-2 pode ser utilizada como ferramenta de triagem para o reconhecimento de TEA em crianças e adolescentes brasileiros. A escala pode ter versões futuras aprimoradas com a substituição dos itens com pior desempenho.

    7. Comorbidade no transtorno de estresse pós-traumático: regra ou exceção? Comorbidities in posttraumatic stress disorder: rule or excemption?

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Regina Margis

      2003-06-01

      Full Text Available O transtorno de estresse pós-traumático (TEPT com frequência ocorre conjuntamente com outros transtornos psiquiátricos. Este artigo revisa o TEPT e comorbidades, tais como: transtornos de ansiedade, uso de substâncias, transtorno de humor, tentativas de suicídio, transtorno dissociativo e transtorno somatoforme.Posttraumatic stress disorder (PTSD commonly occurs in conjunction with other psychiatric disorders. The present article reviews PTSD and its comorbidities such as anxiety disorders, substance abuse, mood disorders, suicide attempts, dissociative disorder and somatoform disorder.

    8. Notas sobre a história oficial do transtorno do déficit de atenção/hiperatividade TDAH

      OpenAIRE

      Caliman,Luciana Vieira

      2010-01-01

      Este artigo constrói inicialmente uma cartografia dos discursos históricos do diagnóstico do Transtorno do Déficit de Atenção/Hiperatividade (TDAH). Em seguida, dois momentos-chave da história oficial do diagnóstico são analisados: as descrições do médico inglês George Still, de 1902, e a síndrome da encefalite letárgica, na primeira metade do século XX. Em tais análises, é dado relevo aos elementos morais e políticos da história oficial do TDAH - eles fazem parte dos níveis mais profundos da...

    9. Cholesterol levels in panic disorder, generalized anxiety disorder and major depression Níveis de colesterol no transtorno de pânico, transtorno de ansiedade generalizada e depressão maior

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      ACIOLY L.T. LACERDA

      2000-06-01

      Full Text Available Serum plasma total cholesterol levels were measured in 85 male or female outpatients with panic disorder (PD; N=41, generalized anxiety disorder (GAD; N=23 and major depression (MD; N=21 according to DSM-IV criteria. All the patients had a mean cholesterol level within the normal range; males (N=22 and females (N=63 had approximately the same serum cholesterol levels (p > .05. No significant differences in cholesterol levels emerged between PD, GAD and MD patient groups. Both female PD and female GAD subjects had a mean cholesterol level similar to their male counterparts (p>.05. It is concluded that both Hayward and colleagues and Bajwa et al. findings could not be replicated by our study.Foram medidos os níveis plasmáticos de colesterol total em 85 pacientes ambulatoriais com transtorno de pânico (TP; N = 41, transtorno de ansiedade generalizada (TAG; N = 23 e depressão maior (DM; N = 21, diagnosticados de acordo com os critérios do DSM-IV. O grupo de pacientes apresentou média do nível de colesterol dentro da faixa normal; homens (N = 22 e mulheres (N = 63 tiveram aproximadamente os mesmos níveis séricos de colesterol (p > 0,05. Não foram observadas diferenças nos níveis de colesterol entre os grupos de pacientes com TP, TAG e DM. Mulheres com TP e as com TAG apresentaram média dos níveis de colesterol semelhante aos seus pares masculinos (p > 0,05. Conclui-se que os resultados obtidos por Hayward et al. e por Bajwa et al. não foram replicados neste estudo.

    10. Anticonvulsivantes e antipsicóticos no tratamento do transtorno bipolar Anticonvulsants and antipsychotics in the treatment of Bipolar Disorder

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Ricardo Alberto Moreno

      2004-10-01

      Full Text Available O transtorno bipolar é uma condição médica complexa e até o momento não há um tratamento único comprovadamente eficaz no controle de todos aspectos da doença. Foram revisadas a literatura disponível sobre o uso de anticonvulsivantes (valproato, carbamazepina, oxcarbazepina, lamotrigina, gabapentina, topiramato, clonazepam e antipsicóticos atípicos (clozapina, risperidona, olanzapina, quetiapina, ziprasidona e aripiprazole no tratamento agudo e profilático do transtorno bipolar. Existe um acúmulo de evidências acerca da eficácia do lítio na profilaxia e de ser melhor no tratamento da mania aguda do que nos episódios depressivos. Outros dados indicam que a carbamazepina e o valproato são eficazes na mania aguda. A lamotrigina parece reduzir ciclagem e ser eficaz em episódios depressivos. Baseado nas informações disponíveis, as evidências apontam a olanzapina como o antipsicótico atípico mais apropriado no tratamento de pacientes bipolares em mania, embora existam estudos sugerindo a eficácia da risperidona, aripiprazol e da clozapina. Resultados preliminares avaliando a eficácia de ziprasidona e quetiapina no transtorno bipolar ainda são bastante limitadas. Não há dados consistentes apoiando o uso profilático dos novos antipsicóticos.Bipolar disorder is a complex medical condition, and up to the date there is no single treatment with proven efficacy in the control of all aspects of the illness. The available literature on the use of anticonvulsants (valproate, carbamazepine, oxcarbazepine, lamotrigine, gabapentin, topiramate, clonazepam and atypical antipsychotics (clozapine, risperidone, olanzapine, quetiapine, ziprasidone, and aripiprazole for acute and prophylactic treatment of bipolar disorder was reviewed. There is a large amount of evidence that lithium is efficacious in the prophylaxis of episodes and better for acute mania than for depressive episodes. Other data show that carbamazepine and valproate are

    11. Os prejuízos funcionais de pessoas com transtorno de ansiedade social: uma revisão Functional impairment of persons with social anxiety disorder: a review

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Luciene Vaccaro de Morais

      2008-01-01

      Full Text Available O transtorno de ansiedade social caracteriza-se pelo medo acentuado e persistente de situações sociais ou de desempenho, podendo influenciar a vida cotidiana dos portadores. Objetiva-se identificar, na literatura indexada, estudos empíricos com instrumentos de avaliação que abordem os prejuízos funcionais experimentados por pessoas com transtorno de ansiedade social no desempenho de atividades cotidianas e analisar as implicações de tais dificuldades. Procedeu-se a uma busca sistemática junto às bases de dados indexadas, identificando dez artigos, que foram agrupados em dois conjuntos: a os relativos à proposição de instrumentos de avaliação e análise das qualidades psicométricas (n = 4; e b os relativos ao impacto do transtorno de ansiedade social para a qualidade de vida e para as atividades cotidianas (n = 6. Os estudos psicométricos ressaltaram a pouca atenção dada a instrumentos validados para avaliar especificamente os prejuízos funcionais. Os trabalhos relativos ao impacto na qualidade de vida e nas atividades cotidianas constataram a presença de insatisfação com a vida e com a saúde em pacientes com transtorno de ansiedade social. A análise da literatura apontou para a importância da avaliação dos prejuízos funcionais do transtorno de ansiedade social no funcionamento cotidiano, por meio de medidas objetivas. Destaca-se a relevância de tais avaliações no planejamento e na intervenção de atividades voltadas ao transtorno de ansiedade social no contexto das práticas multidisciplinares de saúde mental.Social anxiety disorder is characterized by strong and persistent fear of social situations, impairing the daily life of affected people. The objective of the present work was to identify empirical studies involving instruments that assess the functional impairment experienced by persons with social anxiety disorder in the execution of daily activities and to analyze the implications of such difficulties. A

    12. Direitos das pessoas com transtorno mental autoras de delitos The rights of criminally insane individuals

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Ludmila Cerqueira Correia

      2007-09-01

      Full Text Available O Movimento pela Reforma Psiquiátrica tem subsidiado propostas de reorientação do modelo assistencial hegemônico em saúde mental. Para a assistência às pessoas com transtorno mental autoras de delitos instituiu-se o manicômio judiciário, atualmente denominado Hospital de Custódia e Tratamento Psiquiátrico (HCTP. A manutenção dessa estrutura, reconhecida como instituição total, tem reforçado a exclusão individual, limitando a reinserção social dos internos. Este artigo discute o direito à saúde nos HCTP na perspectiva dos direitos humanos. Os avanços conferidos pela Política Nacional de Saúde Mental não têm contemplado a reorientação da prática assistencial desenvolvida no âmbito do HCTP. Essa instituição tem preservado o seu caráter asilar/segregacionista, evidenciando uma tradição fundada na negação dos direitos humanos. O avanço normativo não consolida, de per si, a materialização das recentes conquistas advindas a partir da Reforma Psiquiátrica, particularmente quanto ao segmento das pessoas com transtorno mental autoras de delitos. O Estado, em co-responsabilidade com a sociedade, deve promover a efetiva reorientação do modelo de atenção à saúde dessas pessoas, cuja responsabilidade penal deverá ser reconhecida ao tempo em que se propicie o tratamento especializado. O respeito aos direitos humanos não implica a inimputabilidade.The Psychiatric Reform Movement has supported proposals to reorient the hegemonic mental health care model. In Brazil, a facility for the criminally insane was created, called the Custody and Psychiatric Treatment Hospital (CPTH. The maintenance of such a structure, known as total institutionalization, has reinforced individual exclusion, limiting the patients' social rehabilitation. This article discusses the right to health in the CPTH from a human rights perspective. The advances achieved in Brazil under the National Mental Health Policy have failed to include

    13. Trabalhando com saúde: trabalho e transtornos mentais graves Working with health: work and severe mental disorder

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Paulo César Zambroni-de-Souza

      2006-04-01

      Full Text Available Este artigo trata do lugar do trabalho na vida dos seres humanos, especialmente aqueles acometidos por transtornos mentais graves. Objetiva ampliar a compreensão do que é o trabalho, mostrando que este vai muito além daquilo que se realiza no mercado. Pretende contribuir para a crítica e transformação da idéia socialmente difundida segundo a qual aquelas pessoas não são capazes de trabalhar. Considera que para o ser humano construir sua própria saúde precisa enfrentar as tentativas de imposições do meio em que está inserido em um dado momento, assim como trabalhar envolve sempre negociar com os elementos que o meio - ambiente e laborativo - apresenta. Conclui que, ao colocar-se em situação de trabalho, a pessoa com transtorno mental grave desenvolve a capacidade de negociar com aquelas tentativas de imposição, construindo assim sua saúde e abandonando uma imagem social e pessoal de incapaz.This paper deals with the role of labor in the human life, especially in the lives of mentally handicapped individuals. In this sense, the paper aims to show the meaning of labor, stating that it goes a lot beyond than what is carried out in the working market. The widely accepted idea that these people are not capable of working is criticized. The paper takes into consideration that a human being needs to struggle to build his own health in order to face the restrictions of the environment, once working demands a constant negotiation presented by the labor and living environments. It is shown that a person with a severe mental disorder develops the ability to overcome the restriction imposed his previous image associated with a social and personal weakness.

    14. Mulheres com câncer invasivo do colo uterino: suporte familiar como auxílio Mujeres con cancer invasivo del cuello uterino: suporte familiar como ayuda Women with invasive uterine cervical neoplasm: family support as a help

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Dejeane de Oliveira Barros

      2007-06-01

      Full Text Available Investigação de caráter qualitativo cujo referencial foi o da Psiconcologia, que teve como objetivo analisar a percepção da mulher que tem o diagnóstico de câncer invasivo do colo do útero; descrever o significado do suporte familiar para que essa enfrente a doença; identificar as modificações biopsicossociais decorrentes do câncer e descrever a sua experiência frente a esse diagnóstico. Os sujeitos da pesquisa foram doze mulheres com diagnóstico de câncer invasivo do colo do útero, com idade entre 28 e 61 anos e que estavam em tratamento. Por meio de entrevistas semi-estruturadas foi possível identificar a família como suporte básico no enfrentamento do câncer, tendo resultados positivos ou negativos na forma de lidar com a doença e o tratamento.Investigación de abordaje cualitativo cuyo referencial fue el de la Psico-oncologia, y que tuvo como objectivo analisar la actitud de la mujer que recibe un diagnóstico de cáncer invasivo en el cuello del útero; describir que tipo de suporte familiar recibe para que pueda enfrentar tal diagnóstico; identificar los cambios biopsicosociales decurrentes del cáncer y describir su experiencia frente a ese diagnóstico. Los sujetos a tal pesquisa fueron doce mujeres con diagnóstico de cáncer invasor en el cuello del útero, con edades que variaban entre 28 y 61 años y que estaban en tratamiento. Por medio de entrevistas medio estructuradas, fue posible identificar la familia como base de la estructura para enfrentar el cáncer, y también resultados positivos o negativos en la manera de llevar adelante tanto la enfermedad cuanto el tratamiento.An investigation of qualitative approach based on psycho-oncology principles, that had as objective to analyze the perception of women with a diagnosis of invasive cancer in the cervix; to describe family support that helped them to face the disease; to identify the bio-psycho-sociological modifications arising from the cancer and to

    15. As bases neurobiológicas do transtorno obsessivo-compulsivo e da síndrome de Tourette The neurobiological bases of obsessive-compulsive disorder and Tourette syndrome

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Marcos T. Mercadante

      2004-04-01

      Full Text Available OBJETIVO: Revisar as teorias e evidências das bases neurobiológicas do transtorno obsessivo-compulsivo e da síndrome de Tourette. FONTES DOS DADOS: Revisão dos estudos que investigam a neuroanatomia, neuroimagem, genética e imunologia desses transtornos. SÍNTESE DOS DADOS: Os comportamentos ritualísticos e pensamentos repetitivos têm sido cada vez mais estudados em nosso meio. As definições dessas entidades formam um continuum espectral de sintomas com prevalência significativa na população. CONCLUSÕES: Os avanços das neurociências possibilitaram a exploração dos aspectos genéticos do sistema nervoso central e seu funcionamento, fornecendo novas perspectivas para o tratamento de pacientes com transtorno obsessivo-compulsivo e síndrome de Tourette.OBJECTIVE: To describe and discuss evidence-based articles on the neurobiology of obsessive-compulsive disorder and Tourette syndrome. SOURCES OF DATA: A review of the most relevant papers on the phenomenology, neuroanatomy, neuroimaging, genetic and immunological aspects of these two disorders was performed. SUMMARY OF THE FINDINGS: Ritualistic behaviors and repetitive thoughts have been extensively studied in the last years. The definitions of obsessive-compulsive disorder and Tourette syndrome emphasize the existence of a continuum of symptoms, with high prevalence in the general population. Neurobiological findings have implicated genetic and immunological factors in the etiology of these two disorders. CONCLUSIONS: Advances in neuroscience triggered genetic and immunological research studies, allowing new perspectives on the treatment of obsessive-compulsive disorder and Tourette syndrome patients.

    16. O impacto da relação mãe-filha no desenvolvimento da autoestima e nos transtornos alimentares

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Daniela Sopezki

      2008-12-01

      Full Text Available Nesse artigo dois fatores de risco para os transtornos alimentares são analisados, bem como sua inter-relação contribuinte no desenvolvimento e manutenção da anorexia nervosa e da bulimia nervosa, em mulheres: a relação mãe-filha e a autoestima. Entre as necessidades humanas está a de estima, ou seja, a necessidade de autoestima e estima por parte dos outros. As mães tendem a vivenciar suas filhas mulheres como menos separadas delas, devido a componentes narcisistas que prevalecem nesta dupla como identificação e simbiose. No caso das mulheres com transtornos alimentares algo se inverteu no processo de interação entre mãe-filha prejudicando o vínculo entre elas. A formação da adequada autoestima depende profundamente do olhar amoroso de apreciação por uma pessoa significativa, a mãe, porque nunca é com seus próprios olhos que a criança se vê, mas sempre com os olhos do outro. O ver-se numa identificação com esse olhar dirigido para si constitui o narcisismo, a sua própria autoestima e dependendo do tipo de apego existente entre essa dupla, a autoestima da filha terá nuances diferenciadas.   Palavras-chave: transtornos alimentares; vínculo mãe-filha; autoestima.

    17. Transtorno de estresse pós-traumático: formulação diagnóstica e questões sobre comorbidade

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Câmara Filho José Waldo S

      2001-01-01

      Full Text Available OBJETIVOS: Atualizar os principais aspectos relacionados ao quadro clínico e ao diagnóstico do transtorno de estresse pós-traumático (TEPT, assim como discutir sua validade como entidade nosológica e sua comorbidade. MÉTODOS: Descrição da sintomatologia clínica, detendo-se em seu significado fenomenológico, e revisão da literatura sobre comorbidade e validação diagnóstica. RESULTADOS: O TEPT tem sua apresentação clínica dividida em três grupos sintomatológicos relacionados à reexperiência traumática, ao comportamento de esquiva e distanciamento emocional e à hiperexcitabilidade psíquica. A estruturação diagnóstica do TEPT, especialmente a validade do constructo, vem sendo confirmada por evidências crescentes oriundas de estudos de natureza epidemiológica e neurobiológica. A prevalência de transtornos co-mórbidos próxima a 80% desperta a atenção sobre a maneira em que é conceituado o diagnóstico. Questiona-se se a imprecisão descritiva dos critérios diagnósticos, permitindo a sobreposição de sintomas de outros transtornos, não estaria contribuindo para uma superestimação da prevalência co-mórbida. CONCLUSÃO: O TEPT é considerado válido como diagnóstico, reconhecendo e legitimando a condição clínica, não necessariamente temporária, derivada essencialmente do trauma psicológico.

    18. Repercussões do Transtorno de Déficit de Atenção/Hiperatividade (TDAH na Experiência Universitária

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Clarissa Tochetto de Oliveira

      Full Text Available Buscou-se verificar de que forma o diagnóstico do Transtorno de Déficit de Atenção/Hiperatividade (TDAH, ou a presença dos sintomas do transtorno, interfere na vida acadêmica de estudantes universitários. Realizou-se uma revisão sistemática de literatura com os descritores estudantes universitários/college students e TDAH/ADHD nas bases de dados Scielo Brasil, Index Psi, Redalyc, Medline, ePsycARTICLES no período de 2004 a 2014. Foram encontrados 53 artigos e, destes, 15 foram analisados. Os trabalhos visavam apontar as semelhanças e as diferenças entre estudantes universitários com e sem sintomas ou diagnóstico de TDAH quanto a variáveis que podem afetar a experiência universitária, bem como descrever o transtorno nessa população. Os jovens com e sem TDAH tendem a ser semelhantes no que se refere ao autoconceito e ao bem-estar psicológico, mas diferentes quanto à adaptação à universidade e às preocupações com o desempenho acadêmico. Esta revisão oferece um panorama sobre o que já se sabe sobre TDAH em estudantes universitários e sobre a forma como os estudos com esse público têm sido realizados.

    19. Psicopatologia dos transtornos alimentares e seus estados melancólicos

      National Research Council Canada - National Science Library

      Flávia Lana Garcia de Oliveira; Tania Coelho dos Santos

      2017-01-01

      .... To update the research on the consequences of the melancholic position in the clinic of the anorexia, bulimia and obesity, we revisit the object relation metapsychology of these psychopathological states...

    20. Transtorno desafiador de oposição: uma revisão de correlatos neurobiológicos e ambientais, comorbidades, tratamento e prognóstico Oppositional defiant disorder: a review of neurobiological and environmental correlates, comorbidities, treatment and prognosis

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Maria Antonia Serra-Pinheiro

      2004-12-01

      Full Text Available Transtorno desafiador de oposição (TDO é uma entidade diagnóstica independente, mas é freqüentemente estudada em conjunto com transtorno de déficit de atenção/hiperatividade (TDAH ou com transtorno de conduta (TC. O objetivo deste artigo é o de fazer uma revisão das evidências existentes, obtidas por meio da base de dados PubMed, sobre achados neurobiológicos no transtorno desafiador de oposição, funcionamento familiar e escolar, comorbidades, prognóstico e opções terapêuticas para transtorno desafiador de oposição. A evidência de correlatos hormonais, genéticos e neurofuncionais de transtorno desafiador de oposição, a conexão com a família, as relações e desempenho escolares, a associação com transtornos do humor, ansiosos e disruptivos, o risco de evolução para transtorno de conduta e de persistência de sintomas de transtorno desafiador de oposição são descritos. Uma revisão do efeito da Terapia Cognitivo-Comportamental e tratamento farmacológico é apresentada. A análise das evidências disponíveis mostra que o impacto de transtorno desafiador de oposição não deve ser ignorado e que o transtorno desafiador de oposição deve ser devidamente abordado. O impacto do tratamento de transtorno desafiador de oposição no prognóstico de longo prazo dos pacientes ainda precisa ser determinado.Oppositional defiant disorder (ODD is an independent diagnostic entity but it is frequently studied in conjunction with Attention-Deficit Hyperactivity Disorder (ADHD or Conduct Disorder (CD. The purpose of this paper is to review the extant evidence, through the PubMed database, on the neurobiological correlates of oppositional defiant disorder and also describe the familiar and school functioning, comorbidities, prognosis and therapeutic options for oppositional defiant disorder. Evidence of hormonal, genetic and neurofunctional findings in oppositional defiant disorder, correlation with the family, school relations

    1. Transtornos de ansiedade e exercício físico Anxiety disorders and physical exercise

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Sônia Regina Cassiano de Araújo

      2007-06-01

      Full Text Available OBJETIVO: A maioria dos estudos sobre os efeitos ansiolíticos do exercício físico, até meados da década de 90, foram realizados avaliando-se estados de ansiedade, com indivíduos jovens, universitários ou atletas, que podem ser considerados pré-condicionados, limitando a validade das conclusões para populações com ansiedade patológica. Na atualidade, o número de estudos envolvendo pacientes com transtorno de ansiedade aumentou. O presente estudo tem por objetivo a revisão de artigos que discutem a influência do exercício físico nos transtornos de ansiedade. MÉTODO: Foi realizada uma pesquisa no Medline, no período de 1966-1995 e 1996-2006, utilizando-se os descritores: anxiety, panic, phobic disorders, exercise, physical fitness, além de referências cruzadas dos artigos selecionados e análise adicional de referências na literatura específica do tema. RESULTADOS: Os achados demonstraram desenhos heterogêneos assim como limitações metodológicas. As publicações mais recentes são promissoras e acenam para a utilização de exercícios físicos aeróbios como auxiliares das terapêuticas tradicionais no tratamento dos transtornos de ansiedade. CONCLUSÃO: Verificou-se que os exercícios aeróbios cuja intensidade não ultrapasse o limiar de lactato podem ser os mais apropriados, mas ainda não esclarecem as implicações dos exercícios anaeróbios, sugerindo cautela na prescrição de exercícios para indivíduos com ansiedade patológica, principalmente em relação aos exercícios anaeróbios.OBJECTIVE: Until the mid 90's, most of the studies on the anxiolytic effects of exercise were carried out through the evaluation of the anxiety state of young individuals. They were college students or athletes who might be considered pre-fit, thus limiting the validity of the conclusions as regards populations with pathological anxiety. The number of studies involving patients with anxiety disorder is increasing nowadays

    2. Resistência e refratariedade no transtorno obsessivo-compulsivo Resistance and refractoriness in obsessive-compulsive disorder

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Ygor Arzeno Ferrão

      2007-10-01

      Full Text Available OBJETIVO E MÉTODO: Apesar de existirem terapêuticas eficazes para o tratamento do transtorno obsessivo-compulsivo, uma parcela significativa dos pacientes acometidos por tal condição não alcança ou não mantém a remissão dos sintomas mesmo com tratamento adequado. O alívio do sofrimento destes pacientes com os tratamentos existentes representa um desafio para o clínico, que, nestas situações, se vê, freqüentemente, sem respostas satisfatórias. O objetivo desta revisão da literatura é avaliar os conceitos e critérios de resistência e refratariedade ao tratamento, abordar os aspectos intrínsecos e extrínsecos à fenomenologia descritiva do transtorno obsessivo-compulsivo que possam influenciar a resposta aos tratamentos convencionais preconizados, e propor um fluxo de alternativas terapêuticas para casos resistentes e refratários às diversas abordagens. CONCLUSÃO: A literatura evidencia que tanto aspectos intrínsecos à fenomenologia do transtorno obsessivo-compulsivo, quanto aspectos extrínsecos podem colaborar para que pelo menos 30% dos pacientes não obtenham o resultado desejado. Várias alternativas de tratamento e/ou de potencialização, sejam psicofarmacológicas, biológicas ou psicoterápicas, estão disponíveis, mas vários estudos ainda são necessários para que as evidências apontem na direção mais adequada para a remissão dos sintomas.OBJECTIVE AND METHOD: Despite the existence of effective therapeutic alternatives for obsessive-compulsive disorder, a significant number of patients does not achieve or does not maintain remission after adequate treatment. The relief of these patients’ suffering with the available treatments is a clinical challenge related to many unanswered questions. The objective of this literature review is to evaluate the current concepts of treatment resistance and refractoriness, to describe the intrinsic and extrinsic factors of obsessive-compulsive disorder’s phenomenology

    3. Transtornos alimentares: uma questão cultural?

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Ana Paula Gonzaga

      Full Text Available A literatura especializada aponta para uma correlação entre abundância de alimentos e incidência de transtornos alimentares na população. A experiência das autoras em instituições não confirma essa correlação. Observam que muitas das pacientes atendidas, oriundas de um meio social bastante pobre, apresentam uma diferenciação cultural significativa em relação ao seu meio. Essas diferenças parecem remetê-las a questões mais profundas em que a anorexia ou a bulimia as lança. O artigo desenvolve essa temática tendo por eixos a adolescência, o corpo e o narcisismo.

    4. Responsabilidade penal no transtorno bipolar Penal responsibility in bipolar disorder

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Alexandre Martins Valença

      2010-01-01

      Full Text Available Os autores relatam o caso de uma mulher que cometeu delito de assalto e foi avaliada em perícia psiquiátrica para análise da responsabilidade penal. Conclui-se que ela apresentava doença mental, na forma de transtorno bipolar, daí ser inimputável. A avaliação da responsabilidade penal é de extrema importância, para que se possam aplicar medidas de segurança ou sanções penais e correcionais adequadas a cada caso.The authors report a case of a woman who committed the crime of assault and was evaluated in penal imputability exam to assess criminal responsibility. It was concluded that she had a mental illness, bipolar disorder, being inimputable. The evaluation of penal responsibility is extremely important, in order to apply adequate involuntary commitment or correctional and penal sanctions to each case.

    5. Polimorfismo dos genes ABO, Lewis e Secretor correlacionados com o câncer de mama

      OpenAIRE

      Gradella, Débora Barreto Teresa [UNESP

      2007-01-01

      A expressão de antígenos ABH e Lewis tem sido associada com o desenvolvimento e prognóstico do câncer, diferenciação tumoral e metástase. Considerando que o carcinoma ductal invasivo (CADI) de mama apresenta múltiplas alterações, o objetivo deste estudo foi avaliar se o polimorfismo dos genes ABO, Lewis e Secretor, bem como a fenotipagem ABO podem estar associados ao câncer de mama e com parâmetros anatomoclínicos do tumor. Foram avaliadas 76 mulheres portadoras de CADI e 78 mulheres doadoras...

    6. O conceito do insight em pacientes com transtorno obsessivo-compulsivo The concept of insight in patients with obsessive-compulsive disorder

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Júlia M. Fontenelle

      2010-03-01

      Full Text Available OBJETIVO: Atualizar os clínicos sobre a existência de um possível subtipo do transtorno obsessivo-compulsivo caracterizado por pouco insight. MÉTODO: Revisão opinativa baseada em estudos indexados na base de dados PubMed e PsychINFO, identificados por meio dos unitermos "obsessive-compulsive disorder" e "insight" ou "ego-dystonic" e publicados entre 1966 e outubro de 2009. Os resultados foram examinados de acordo com a estratégia utilizada para abordar o insight, i.e. categórica vs. dimensional. RESULTADOS: Análise dos estudos nos permitiu identificar pontos que colocam em dúvida a existência de um subtipo do transtorno obsessivo-compulsivo bem delimitado caracterizado por pouco insight. Estes pontos incluem 1 prevalência extremamente variável do transtorno obsessivo-compulsivo com insight reduzido encontrada em estudos categóricos, 2 homogeneidade dos achados fenotípicos (i.e. maior gravidade associados a baixo insight em estudos categóricos e dimensionais e 3 ausência de estudos que investigam "zonas de raridade" entre as formas de transtorno obsessivo-compulsivo com pouco e bom insight. CONCLUSÃO: Embora uma abordagem categórica do insight no transtorno obsessivo-compulsivo seja importante em ambientes clínicos, uma vez que neles existem demandas prementes para tomada de decisões, a abordagem dimensional do insight parece refletir de forma mais fidedigna o fenômeno apresentado pelos pacientes em tela.OBJECTIVE: To update clinicians regarding the existence of a putative subtype of obsessive-compulsive disorder based on poor insight. METHOD: Opinionative review based on studies indexed in the PubMed and PsychINFO databases, identified by means of the keywords "obsessive-compulsive disorder" AND "insight" OR "ego-syntonic", and published between 1966 and October 2009. The results were analyzed according to the approach adopted, i.e. a categorical or dimensional view of insight in obsessive-compulsive disorder. RESULTS: The

    7. Evolucionismo e genética do transtorno de estresse pós-traumático Evolutionism and genetics of posttraumatic stress disorder

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Nina Leão Marques Valente

      2008-01-01

      Full Text Available Os autores discutem, a partir do conceito evolutivo, como a resposta de estresse, nas suas possibilidades de fuga e luta e de imobilidade tônica, pode levar a uma nova compreensão etiológica do transtorno de estresse pós-traumático. Através da análise dos agrupamentos de sintomas desse diagnóstico - revivência, evitação e hiperexcitação -, procuram correlacionar os achados neurobiológicos e evolutivos. As descobertas atuais sobre a genética do transtorno de estresse pós-traumático são resumidas e colocadas nessa perspectiva evolutiva, dentro de conceitos que possibilitam o entendimento da interação gene/ambiente, como a epigenética. Propõem que a pesquisa dos fatores de risco do transtorno de estresse pós-traumático deva ser investigada do ponto de vista fatorial, onde a somatória destes aumenta o risco de desenvolvimento do quadro, não sendo possível a procura da causa do transtorno de forma única. A pesquisa de genes candidatos no transtorno de estresse pós-traumático deve levar em consideração todos os sistemas associados aos processos de respostas ao estresse, sistemas dos eixos hipotálamo-hipofisário-adrenal e simpático, mecanismos de aprendizado, formação de memórias declarativas, de extinção e esquecimento, da neurogênese e da apoptose, que envolvem vários sistemas de neurotransmissores, neuropeptídeos e neuro-hormônios.The authors discuss, from the evolutionary concept, how flight and fight responses and tonic immobility can lead to a new understanding of posttraumatic stress disorder. Through the analysis of symptom clusters (revivals, avoidance and hyperexcitation, neurobiological and evolutionary findings are correlated. The current discoveries on posttraumatic stress disorder genetics are summarized and analyzed in this evolutionary perspective, using concepts to understand the gene-environment interaction, such as epigenetic. The proposal is that the research of susceptibility factors in

    8. Desafiando medos: relatos de enfrentamento de usuários com transtornos fóbico-ansiosos

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Priscylla Araújo Almeida

      2013-08-01

      Full Text Available Estudo interpretativo e compreensivo que objetivou investigar as formas de enfrentamento utilizadas pelos portadores de transtornos fóbico-ansiosos do Centro de Atenção Psicossocial I, do município de Queimadas-PB, Brasil, no período de outubro a dezembro de 2010. O material empírico foi produzido por meio de entrevistas e submetido à análise de conteúdo proposta por Bardin. Desse material, foram extraídos os temas principais que formaram a categoria temática denominada CAPS I como lugar de expressão da subjetividade, e os eixos temáticos Reconhecimento da doença; Solidão e isolamento; e Família como principal ponto de apoio. Os resultados identificaram que, ao aderir ao tratamento, os usuários começaram a resgatar a autoestima, fortalecer vínculos e a enfrentar os sintomas biopsicossociais. Ressalta-se a relevância da dimensão afetiva no encontro entre profissionais, usuários e familiares. Conclui-se que a prática humanizada garante e estimula a integração entre os processos de trabalho e os projetos de vida dos usuários.

    9. Transtornos ansiosos na infância e adolescência: aspectos clínicos e neurobiológicos Anxiety disorders in childhood and adolescence: clinical and neurobiological aspects

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Fernando R. Asbahr

      2004-04-01

      Full Text Available OBJETIVO: Este artigo revê as características clínicas e epidemiológicas dos diversos transtornos ansiosos em jovens, bem como as estratégias atuais utilizadas nos tratamentos medicamentosos e psicológicos. Enfatiza-se, além disso, o papel de modelos neurobiológicos possivelmente relacionados à etiologia desses quadros. FONTES DOS DADOS: A partir de pesquisa em banco de dados no MEDLINE, foram selecionados artigos publicados em inglês entre 1981 e 2003. Para tal fim, foram utilizados os seguintes termos: "anxiety disorders", "neurobiology", "childhood" e "adolescence". SÍNTESE DOS DADOS: Os transtornos ansiosos encontram-se entre as condições psiquiátricas mais comuns na população pediátrica. Estima-se que até 10% desta população possa apresentar algum quadro patológico de ansiedade durante a infância ou adolescência. Os modelos neurobiológicos relacionados à etiologia dos transtornos ansiosos em jovens estão intimamente relacionados aos estudos de neuroimagem com portadores desses quadros. Destaca-se o papel da amígdala na fisiopatologia desses transtornos. O tratamento eficaz requer a combinação de várias intervenções, como a cognitivo-comportamental, a familiar e, freqüentemente, a medicamentosa. CONCLUSÕES: A identificação e o tratamento precoces dos transtornos de ansiedade podem evitar repercussões negativas na vida da criança, tais como faltas constantes à escola e a conseqüente evasão escolar, a utilização demasiada de serviços de pediatria por queixas somáticas associadas à ansiedade e, possivelmente, a ocorrência de problemas psiquiátricos na vida adulta. Avanços em estudos neurobiológicos, em especial no entendimento das funções da amígdala em indivíduos normais, facilitarão tanto o esclarecimento dos mecanismos fisiopatológicos envolvidos nos transtornos ansiosos como seu tratamento.OBJECTIVE: This article reviews the clinical and epidemiological aspects of anxiety disorders in

    10. Qualidade de vida e transtornos alimentares: uma revisão sistemática Quality of life and eating disorders: a systematic review

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Patrícia Passarelli Tirico

      2010-03-01

      Full Text Available O objetivo foi fazer uma revisão sistemática dos estudos que avaliam qualidade de vida em pessoas com transtornos alimentares. Foram realizadas buscas bibliográficas em seis bases de dados e buscas manuais em duas revistas, abrangendo o período de janeiro de 1975 até junho de 2008. As estratégias de busca forneceram um total de 29.537 referências. Quarenta e um estudos preencheram os critérios de inclusão desta revisão e 36 foram analisados no presente trabalho. De modo geral, os estudos revelam prejuízos na qualidade de vida de pacientes com transtornos alimentares quando comparados a grupos normais ou outras patologias psiquiátricas. O aspecto mental da qualidade de vida mostra-se mais prejudicado. A avaliação da qualidade de vida em sujeitos com transtorno da compulsão alimentar periódica revela prejuízos nos aspectos físico e mental da qualidade de vida. Há pouca evidência e discussão para indivíduos com bulimia nervosa isoladamente. Em sujeitos com anorexia nervosa, a avaliação requer cautela, já que o aparente menor impacto físico pode ser reflexo da psicopatologia específica deste transtorno e não do funcionamento saudável.This article provides a systematic review of articles on quality of life (QoL among individuals with eating disorders. A literature search was conducted using six databases. Manual searches were also performed in two specialized journals, covering the period from January 1975 to June 2008. The search strategies identified a total of 29,537 articles. Forty-one studies met the inclusion criteria, and 36 were analyzed in the present review. Patients with eating disorders showed reduced QoL as compared to normal controls and individuals with other psychiatric disorders. The mental health component of QoL showed greater impairment than the physical component. Patients with binge eating disorders showed reduced physical and psychological QoL. We identified few studies on QoL in bulimia nervosa

    11. Prevalência de transtornos mentais comuns e contexto social: análise multinível do São Paulo Ageing & Health Study (SPAH

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Letícia Maria Silva Coutinho

      2014-09-01

      Full Text Available O contexto social pode ter papel importante na etiologia dos transtornos mentais e na sua prevalência. O objetivo do presente estudo foi investigar fatores de risco que contribuem para a prevalência de transtornos mentais comuns (TMC, considerando distintos níveis contextuais: indivíduo, domicílio e setor censitário. Para isso, utilizou-se uma amostra de base populacional de 2.366 indivíduos participantes do São Paulo Ageing & Health Study. A presença de TMC foi identificada pelo instrumento SRQ-20. Sexo, idade, escolaridade e ocupação foram características individuais associadas à prevalência de TMC. Modelos de regressão logística multinível mostraram que parte da variância na prevalência de TMC foi associada ao nível do domicílio, com associações entre aglomeração, renda familiar e prevalência de TMC, mesmo após controle para características individuais. Esses resultados sugerem que características do ambiente onde as pessoas vivem contribuem para sua saúde mental.

    12. Transtornos fonético-fonológicos na Síndrome de Down e implicações na lectoescrita

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Cynthia Aparecida P. Patusco Gomes da Silva

      2010-07-01

      Full Text Available A presente pesquisa tem como proposta investigar déficits fonéticofonológicos em portadores de Síndrome de Down – SD – e implicações na apropriação da leitura e da escrita durante o processo de alfabetização. A discussão emerge da hipótese central de que transtornos de natureza fonoarticulatória, motivados por aspectos neurológicos e anatômicos, repercutem negativamente na lectoescrita. Parte-se do princípio de que o retardo mental afeta o desenvolvimento cognitivo, responsável pela abstração, discriminação e memorização das unidades fonológicas (fonemas. Agregam-se a esse aspecto problemas de ordem periférica: a hipotonia orofacial generalizada dificulta o movimento harmonioso dos articuladores no que tange à programação e à produção de cadeias sonoras. A despeito da deficiência de habilidade de correspondência grafo-fonológica em alguns casos, o estudo coloca em foco a capacidade em potencial da população investigada para o processo de alfabetização.Palavras-chave: Síndrome de Down; Transtornos fonético-fonológicos; Déficit cognitivo; Alfabetização; Consciência fonológica.

    13. Tratamentos farmacológicos para o transtorno de ansiedade social: existem novos parâmetros na atualidade?

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Larissa Forni dos Santos

      2011-01-01

      Full Text Available CONTEXTO: O transtorno de ansiedade social (TAS, apesar da baixa taxa de detecção e do alto índice de comorbidades associadas, é considerado uma condição tratável. Apesar da resposta estabelecida a diversas classes de medicamentos, os algoritmos para o tratamento do TAS necessitam de atualização constante. OBJETIVO: Realizar revisão sistemática da literatura no que diz respeito à eficácia dos tratamentos farmacológicos relativos ao TAS, a partir de estudos controlados, conduzidos no período de 2005 a 2010. MÉTODO: Foram utilizados os indexadores eletrônicos PsycoInfo, Lilacs e Medline, utilizando-se as palavras-chave: "social phobia or social anxiety and treatment". RESULTADOS: De acordo com critérios de inclusão adotados, 29 artigos foram incluídos e analisados. Mostram-se eficazes para o tratamento do TAS as seguintes drogas, de acordo com a classe: a ISRSs: escitalopram, fluvoxamina, citalopram, GR205171 e sertralina; b ISRSN: venlafaxina; c IMAOs: fenelzina, moclobemina; d aminoácidos: d-cicloserina; f anticonvulsivantes: tiagabina. CONCLUSÃO: Os ISRSs e os ISRSNs têm seu uso estabelecido e ainda continuam sendo considerados primeira opção de tratamento. Porém, destaca-se o potencial futuro da d-cicloserina e dos anticonvulsivantes, com necessidade de um número maior de estudos controlados que confirmem os achado iniciais. A ação das diferentes drogas em nível neurobiológico, bem como dos tratamentos associados, necessita ainda ser mais explorada.

    14. Estudos de associação genética no transtorno obsessivo-compulsivo

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Aline Santos Sampaio

      2013-01-01

      Full Text Available INTRODUÇÃO: O caráter familial do transtorno obsessivo-compulsivo (TOC já é bem estabelecido. Ele segue o modelo complexo de transmissão genética que envolve a influência de diversos genes de pequeno efeito em interação com o ambiente. MÉTODOS: Foi realizada uma revisão sistemática de estudos de associação genética com o TOC por meio de busca de artigos publicados até 2012 nas bases de dados: PubMed, Embase e SciELO, usando os termos MeSH, seus associados ou sinônimos para "obsessive-compulsive disorder", "gene" e "genetic association studies". RESULTADOS: Foram selecionados 105 artigos cujos principais resultados foram agrupados em grupos de genes relacionados a serotonina, dopamina, glutamato, GABA, substância branca, hormônios, sistema imune e outros genes (MAO-A, BNDF, COMT. CONCLUSÃO: Há grande variabilidade nos achados de estudos de associação entre os diversos genes candidatos estudados e o TOC. Genes relacionados às vias glutamatérgicas são candidatos promissores, porém não há associação conclusiva entre nenhum dos genes candidatos estudados e o TOC. Estudos de associação com grande tamanho amostral, avaliação de subgrupos mais homogêneos do fenótipo e metanálises ainda são necessários.

    15. Personality traits and treatment outcome in obsessive-compulsive disorder Traços de personalidade e resposta terapêutica no transtorno obsessivo-compulsivo

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Felipe Corchs

      2008-09-01

      Full Text Available OBJECTIVE: Comorbidity with personality disorders in obsessive-compulsive patients has been widely reported. About 40% of obsessive-compulsive patients do not respond to first line treatments. Nevertheless, there are no direct comparisons of personality traits between treatment-responsive and non-responsive patients. This study investigates differences in personality traits based on Cloninger's Temperament and Character Inventory scores between two groups of obsessive-compulsive patients classified according to treatment outcome: responders and non-responders. METHOD: Forty-four responsive and forty-five non-responsive obsessive-compulsive patients were selected. Subjects were considered treatment-responsive (responder group if, after having received treatment with any conventional therapy, they had presented at least a 40% decrease in the initial Yale-Brown Obsessive Compulsive Scale score, had rated "better" or "much better" on the Clinical Global Impressions scale; and had maintained improvement for at least one year. Non-responders were patients who did not achieve at least a 25% reduction in Yale-Brown Obsessive Compulsive Scale scores and had less than minimal improvement on the Clinical Global Impressions scale after having received treatment with at least three selective serotonin reuptake inhibitors (including clomipramine, and at least 20 hours of cognitive behavioral therapy. Personality traits were assessed using Temperament and Character Inventory. RESULTS: Non-responders scored lower in self-directedness and showed a trend to score higher in persistence than responders did. CONCLUSION: This study suggests that personality traits, especially self-directedness, are associated with poor treatment response in obsessive-compulsive patients.OBJETIVO: Comorbidade com transtornos de personalidade tem sido extensamente descrita no transtorno obsessivo-compulsivo. Aproximadamente 40% dos pacientes com transtorno obsessivo-compulsivo n

    16. Transtornos do humor em enfermaria de clínica médica e validação de escala de medida (HAD de ansiedade e depressão

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Botega Neury J.

      1995-01-01

      Full Text Available Para estimar a prevalência de transtornos do humor, foram utilizadas a entrevista estruturada, "Clinical Interview Schedule" (CIS-R, e a escala "Hospital Anxiety and Depression" (HAD em 78 pacientes internados em uma enfermaria geral de adultos (43 homens e 35 mulheres, média de idade = 43,2 anos. Foi encontrada prevalência instantânea de 39% de transtornos do humor. Dezesseis (20,5% pacientes preencheram critérios para ansiedade, a maioria dos casos sendo de gravidade leve. Vinte e seis (33% casos de depressão foram detectados, 7 dos quais de gravidade moderada. Observou-se uma combinação de sintomas de preocupação, depressão, ansiedade e insônia. A HAD mostrou-se de fácil compreensão pelos pacientes. As subescalas de ansiedade e de depressão tiveram consistência interna de 0,68 e 0,77, respectivamente. A correlação dos itens com as respectivas subescalas sugere que essas possuem validades convergentes, não discriminantes. Com ponto de corte 8/9, a sensibilidade e a especificidade foram 93,7% e 72,6%, para ansiedade, e 84,6% e 90,3%, para depressão. Na prática clínica, a utilização da HAD poderia auxiliar na detecção de casos de transtornos do humor que necessitam de tratamento.

    17. Fatores genéticos e ambientais na manifestação do transtorno bipolar Genetic and environmental factors in bipolar disorder

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Leandro Michelon

      2005-01-01

      Full Text Available O transtorno bipolar (TB possui alta prevalência na população mundial e causa perdas significativas na vida dos portadores. É uma doença com importante fator genético, cuja herança se caracteriza por mecanismos complexos de transmissão envolvendo múltiplos genes que estão sob influência de inúmeros fatores ambientais. Várias estratégias de investigação genética têm sido utilizadas para identificar genes determinantes de vulnerabilidade ao TB. Estudos com gêmeos, de ligação e de associação permitiram caracterizar a herdabilidade dessa doença, identificar regiões cromossômicas potencialmente associadas ao TB e avaliar a contribuição de genes candidatos na sua etiologia. Em virtude da complexidade do modo de transmissão do TB e de sua heterogeneidade fenotípica muitas dificuldades são encontradas na identificação desses genes. Paralelamente, estudos psicossociais apontam para fatores ambientais de relevância no desencadeamento do TB. Com a compreensão crescente dos mecanismos epigenéticos de controle da expressão gênica, incluindo a interação do genoma com fatores ambientais, e a abordagem dimensional dos transtornos mentais, abrem-se perspectivas promissoras de pesquisas futuras para elucidar os fatores envolvidos na manifestação do transtorno bipolar.Bipolar disorder (BD is a highly prevalent mental disease worldwide. This disorder has a genetic inheritance characterized by complex transmission mechanisms involving multiple genes under the influence of several environmental factors. Many investigation strategies have been put forward in order to identify BD susceptibility genes. Twin, linkage and association studies have contributed to the characterization of its herdability through the identification of genomic regions potentially linked to BD and the candidate genes investigation approach. Because of the complexity of the transmission pattern for BD and its phenotypic heterogeneity many difficulties

    18. Relações entre abuso sexual na infância, transtorno de estresse pós-traumático (TEPT) e prejuízos cognitivos

      OpenAIRE

      Borges,Jeane Lessinger; Dell'Aglio, Debora Dalbosco

      2008-01-01

      Este estudo teórico aponta as relações entre abuso sexual infantil, transtorno de estresse pós-traumático (TEPT) e prejuízos cognitivos. A perspectiva cognitiva dos efeitos do abuso sexual e do TEPT foi adotada nesta revisão. O abuso sexual contra crianças pode ser considerado um fator de risco para o desenvolvimento infantil, devido às severas seqüelas cognitivas, emocionais e comportamentais relacionadas à sua ocorrência, podendo seu impacto envolver efeitos a curto e longo prazos e estende...

    19. Transtorno de estresse agudo : um estudo sobre as características de personalidade e estilos defensivos em pacientes vítimas de trauma físico

      OpenAIRE

      Márcia Rosane Moreira Santana

      2015-01-01

      O Transtorno de Estresse Agudo (TEA) reúne o conjunto dos sintomas presentes nos indivíduos diante exposição a um evento traumático. A maneira como os indivíduos enfrentam os acontecimentos da vida está relacionada a vários fatores como as características de personalidade e ao estilo defensivo, ambos com uma importante influência no momento pós-trauma. O objetivo desta investigação foi pesquisar as caracteristicas de personalidade e o estilo defensivo em pacientes que sofreram trauma físico e...

    20. Transtorno de déficit de atenção/hiperatividade, comorbidades e situações de risco Attention deficit-hyperactivity disorder, comorbidities, and risk situations

      OpenAIRE

      Marcelo C. Reinhardt; Reinhardt,Caciane A.U.

      2013-01-01

      OBJETIVO: O transtorno de déficit de atenção/hiperatividade (TDAH) apresenta alta prevalência, e seus sintomas apresentam-se frequentemente como um problema de saúde pública considerável. Assim, o objetivo desta revisão é verificar estas situações de urgência provocadas por determinadas comorbidades, ou por expor o paciente a um maior risco de acidentes. FONTE DOS DADOS: Foi realizada uma pesquisa bibliográfica na base de dados PubMed entre os anos de 1992 e 2012, utilizando os descritores "a...

    1. Relações entre abuso sexual na infância, transtorno de estresse pós-traumático (TEPT) e prejuízos cognitivos

      OpenAIRE

      Borges,Jeane Lessinger; Dell'Aglio, Debora Dalbosco

      2008-01-01

      Este estudo teórico aponta as relações entre abuso sexual infantil, transtorno de estresse pós-traumático (TEPT) e prejuízos cognitivos. A perspectiva cognitiva dos efeitos do abuso sexual e do TEPT foi adotada nesta revisão. O abuso sexual contra crianças pode ser considerado um fator de risco para o desenvolvimento infantil, devido às severas seqüelas cognitivas, emocionais e comportamentais relacionadas à sua ocorrência, podendo seu impacto envolver efeitos a curto e longo prazos e estende...

    2. Transtornos alimentares e gestação: uma revisão Eating disorders and pregnancy: a review

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Karin Louise Lenz Dunker

      2009-01-01

      Full Text Available OBJETIVO: Estudar o impacto dos transtornos alimentares nas funções reprodutivas, problemas na gestação e puerpério, e dificuldades com a alimentação dos filhos. MÉTODOS: Realizou-se revisão da literatura nos últimos 28 anos nos bancos de dados MedLine e Lilacs. Combinaram-se os descritores anorexia nervosa, bulimia nervosa, transtornos alimentares e gestação. RESULTADOS: Os estudos de revisão, estudos de caso e pesquisas realizadas com gestantes apontam uma associação entre TA e uma variedade de complicações na gestação, no parto, para o feto, com aumentado risco de morbidade perinatal, além de complicações na alimentação futura da criança. CONCLUSÕES: Observa-se uma maior necessidade de acompanhamento especializado, principalmente no pré-natal, em relação aos hábitos alimentares e preocupação com peso e forma corporais - especialmente nas mulheres que apresentam ganho ponderal inadequado, hiperêmese gravídica, picacismo, entre outros.OBJECTIVE: The objective of this study was to show the impact of eating disorders on reproductive functions, pregnancy and puerperium problems, and difficulties in feeding her babies. METHODS: Review of literature of last 28 years in MedLine and Lilacs database. The keywords used were anorexia nervosa, bulimia nervosa, eating disorders and pregnancy. RESULTS: Review and case studies, and research made with eating disorders pregnant patients demonstrate that there are an association between eating disorders and many pregnancy complications on birth, to the child with an increase risk of morbidity after the birth and some implications on food behavior of the child. CONCLUSIONS: It was noticed a need for specialized treatment, especially before the pregnancy, regarding eating habits and worries about weight and body shape, especially for women that present inadequate weight gain, hyperemesis gravidarum, pica and other eating problems.

    3. Padrões de respostas defensivas de congelamento associados a diferentes transtornos de ansiedade

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Jesus Landeira-Fernandez

      2006-01-01

      Full Text Available Embora os transtornos de ansiedade sejam tipicamente humanos, eles apresentam correlações com determinadas reações de defesa de animais em situações de perigo. Este trabalho apresenta algumas relações entre determinados padrões da resposta defensiva de congelamento e diferentes formas de transtornos de ansiedade. Em particular, destaca-se o isomorfismo entre a resposta de congelamento a estímulos contextuais associados a um estímulo aversivo e o transtorno de ansiedade generalizado. Evidências indicam também que a resposta de congelamento induzida pela estimulação elétrica da matéria cinzenta periaqueductal dorsal (MCPD constitui um excelente modelo animal de ataque de pânico. A resposta de congelamento que surge imediatamente após estimulação da MCPD, capaz de produzir uma resposta de fuga, parece estar associada ao transtorno de pânico. Finalmente, é possível que a resposta de congelamento a estímulos previamente associados à estimulação elétrica da MCPD seja um modelo animal para o transtorno de pânico com agorafobia.

    4. Associação entre síndrome metabólica e transtornos mentais Epidemiologic studies about association of mental disorders and metabolic syndrome

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Paulo José Ribeiro Teixeira

      2007-01-01

      Full Text Available CONTEXTO: A síndrome metabólica (SM é um transtorno de alta prevalência na população geral. Estudos que demonstram haver associação positiva entre doenças mentais e diabetes melito e a constatação dos efeitos adversos metabólicos dos psicofármacos levantam a hipótese de que a prevalência seja ainda maior em pacientes psiquiátricos. OBJETIVO: O objetivo desta revisão é avaliar os estudos epidemiológicos sobre a associação entre os transtornos mentais e a SM ou seus componentes. MÉTODOS: Foi realizada busca nas bases Medline e Lilacs, com a inclusão no estudo de artigos que apresentaram dados epidemiológicos sobre SM ou seus componentes em populações psiquiátricas. RESULTADOS: Indivíduos com esquizofrenia ou transtornos esquizoafetivos apresentaram prevalência de SM variando entre 28,4% e 62,5%; um estudo com indivíduos esquizofrênicos mais jovens apresentou prevalência menor, de 19,4%, porém 3,7 vezes maior que a do grupo-controle. Um estudo avaliou pacientes com transtorno afetivo bipolar e verificou prevalência de 30%. Prevalência elevada foi encontrada em mulheres com história de depressão, mas não em homens. CONCLUSÃO: A prevalência de SM é elevada em pacientes com esquizofrenia e transtornos esquizoafetivos e em mulheres com história de depressão.BACKGROUND: Metabolic syndrome (MS is a very prevalent condition. Studies that show a positive association between mental diseases and diabetes mellitus and the existence of adverse metabolic effects caused by psychotropic drugs allow the presumption that the occurrence of MS is even greater in psychiatric patients. OBJECTIVE: The objective of this review is to assess the epidemiological studies about the relationship between MS or its components and mental disorders. METHODS: Research was carried out at Medline and Lilacs, searching for articles which presented epidemiological data on the prevalence or incidence of MS and its components in psychiatric

    5. Assessment of executive functions in obese individuals with binge eating disorder Avaliação de funções executivas em indivíduos obesos com transtorno da compulsão alimentar periódica

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Duchesne Monica

      2010-12-01

      Making Tests A e B, Stroop Test e Wisconsin Card Sorting Test. Adicionalmente, quatro subtestes da Behavioral Assessment of the Dysexecutive Syndrome Battery foram também utilizados, a saber: Zoo Map Test, Modified Six Elements Test, Action Program Test e The Rule Shift Cards Test. RESULTADOS: Quando comparados a controles obesos, indivíduos obesos com transtorno da compulsão alimentar periódica apresentaram déficits significativos no Digit Span Backward, Zoo Map Test, Modified Six Elements Test e no Action Program Test. Os indivíduos com transtorno da compulsão alimentar periódica também apresentaram significativamente mais erros perseverativos e de mudança de set no Wisconsin Card Sorting Test. Em outras medidas, tais como Digit Span Forward, Trail Making Test, Stroop Test e The Rule Shift Cards Test, os indivíduos obesos com transtorno da compulsão alimentar periódica não diferiram significativamente dos obesos sem transtorno da compulsão alimentar periódica. CONCLUSÃO: Esses resultados sugerem que, neste estudo, os indivíduos obesos com transtorno da compulsão alimentar periódica apresentaram déficits executivos evidenciados por dificuldades na capacidade para resolução de problemas, na flexibilidade cognitiva e na memória operacional.

    6. Transtornos de ansiedade: um estudo de prevalência e comorbidade com tabagismo em um ambulatório de psiquiatria Anxiety disorders: a study of the prevalence and comorbidity with smoking in a psychiatric outpatient clinic

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Cristina Lunardi Munaretti

      2007-01-01

      Full Text Available OBJETIVOS: Este estudo tem por objetivo investigar a presença de transtornos de ansiedade e tabagismo entre pacientes atendidos em um ambulatório de psiquiatria. MÉTODOS: Realizou-se um estudo transversal em um ambulatório de psiquiatria em Porto Alegre, no qual se aplicou SCID-I em 84 pacientes, para examinar a ocorrência de transtornos de ansiedade e dependência à nicotina; também se utilizou o Teste de Fagerström para identificar o grau de dependência nicotínica. Excluíram-se pacientes com esquizofrenia, outros transtornos psicóticos e retardo mental. RESULTADOS: Verificou-se freqüência de 75% para os transtornos de ansiedade, sendo mais freqüentes fobia específica e transtorno de ansiedade generalizada (TAG com 26,2% cada um. Tabagistas representaram 21,43% da amostra, e a maior parte destes obteve escore leve para o grau de dependência. Constatou-se associação entre ter TAG e ser tabagista, e a chance dos pacientes com TAG fumarem é 5,2 vezes em relação aos que não têm esse transtorno de ansiedade. CONCLUSÕES: Os transtornos de ansiedade têm uma freqüência elevada entre pacientes ambulatoriais, sendo importante sua identificação. A freqüência de tabagismo entre pacientes com transtorno de ansiedade é alta, apresentando importante associação com TAG, e por isso deve também ser foco de atenção no tratamento desses pacientes.OBJETIVES: This study was aimed at investigating the presence of anxiety disorders and tobacco use among psychiatric outpatients. METHODS: A transversal study was carried out in which SCID-I was administered to 84 psychiatric outpatients in Porto Alegre, in order to determine the occurrence of anxiety disorders and nicotine dependence; in addition, Fagerström's test was used to identify the degree of nicotine dependence. Exclusion criteria were having a diagnosis of schizophrenia or presenting other psychotic disorders and mental retardation. RESULTS: Anxiety disorders were found in

    7. ESTRESSE OCUPACIONAL E SAÚDE MENTAL DOS PROFISSIONAIS DO CENTRO DE ESPECIALIDADES MÉDICAS DE ARACAJU

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Arthur Marcelino Filho

      Full Text Available ResumoAs características ambientais e o modo de organização do trabalho em centros especializados em saúde podem produzir situações de estresse e efeitos negativos sobre a saúde dos trabalhadores. O objetivo do estudo foi avaliar a saúde mental dos profissionais de saúde da rede especializada de Aracaju (Sergipe e as situações de estresse ocupacional com base no modelo esforço-recompensa. Estudo transversal realizado em 2011 com 94 profissionais de saúde em atividade em dois centros de atendimento especializado. Foi utilizado questionário contendo variáveis sociodemográficas e econômicas, situação e ambiente de trabalho, avaliação de estresse ocupacional (usando o Effort-Reward Imbalance e o Self Reporting Questionaire para mensuração dos transtornos mentais comuns. A prevalência de transtornos mentais comuns foi elevada (50,6%, sendo mais frequente em fonoaudiólogos, psicólogos, terapeutas ocupacionais e fisioterapeutas e entre aqueles que relataram estar insatisfeitos com a sua condição salarial e de trabalho. Todos os profissionais que referiram desequilíbrio entre esforços e recompensas no trabalho apresentaram transtornos mentais comuns. Em conclusão, foram identificadas características do trabalho desfavoráveis aos profissionais e ao desempenho das suas funções, além de elevadas prevalências de transtornos mentais comuns. Programas voltados à proteção, valorização e promoção à saúde dos trabalhadores devem ser implantados a fim de elevar a qualidade de vida no trabalho.

    8. CARACTERÍSTICAS PERINATAIS DE CRIANÇAS COM TRANSTORNO DO ESPECTRO AUTISTA

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Gabriela Foresti Fezer

      Full Text Available RESUMO Objetivo: Analisar características perinatais de crianças com transtorno do espectro autista (TEA. Métodos: Revisão retrospectiva dos prontuários medicos de 75 crianças com TEA, entre janeiro de 2008 e janeiro de 2015. Os critérios de inclusão foram o diagnóstico de TEA baseado no DSM-5 e o termo de consentimento assinado pelo responsável legal. O critério de exclusão foi ausência de todos os dados no prontuário médico. As variáveis analisadas foram: idade materna, prematuridade (idade gestacional menor que 37 semanas, baixo peso ao nascer (<2.500 g e asfixia perinatal (Apgar menor que 7 no quinto minuto. Os dados foram avaliados por meio do teste de diferença entre as proporções (nível de significância de p<0,05. Resultados: Setenta e cinco pacientes foram incluídos no estudo. A idade materna variou de 21,4 a 38,6 anos (29,8±4,1 anos. O parto prematuro ocorreu em 14 (18,7% pacientes, asfixia perinatal em 6 (8,0% e baixo peso ao nascer em 32 (42,6%. As prevalências de prematuridade, asfixia perinatal e baixo peso ao nascer entre as crianças com TEA neste estudo foram maiores do que as prevalências gerais dessas condições entre todos os nascidos vivos em nosso país, região e estado, as quais são, respectivamente, 11,5, 2,3 e 8,5% no Brasil, 11,0; 2,2 e 8,5% na região Sul e 10,5, 2,0 e 8,4% no estado do Paraná. Conclusões: Nossos achados mostraram maior prevalência de prematuridade, baixo peso ao nascer e asfixia perinatal em crianças com TEA. Algumas limitações são o desenho retrospectivo do estudo e a amostra de pequeno tamanho. Grandes estudos prospectivos são necessários para esclarecer a possível associação entre intercorrências perinatais e TEA.

    9. Dos tiempos

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Eduardo García Piedrahita

      1979-08-01

      Full Text Available Escena I: Un claro en la selva. En el fondo, un rancho de tierra y hojas. Suspendida de dos trozos de madera una hamaca. Troncos de árboles diseminados aquí y allá. Al lado de la puerta que da a la habitación, un fusil. Media tarde.

    10. O efeito do yoga na redução da sintomatologia de pacientes com transtorno de pânico

      OpenAIRE

      Camila Ferreira-Vorkapic

      2012-01-01

      Introdução: Devido aos seus conhecidos efeitos no corpo e mente, o yoga tem sido alvo de investigações cientificas há décadas. A maioria dos estudos relacionados evidencia a efetividade destas técnicas no tratamento de transtornos mentais como ansiedade, pânico e depressão. O yoga tem sido considerado um método preventivo e seguro, capaz de representar grande economia para a saúde pública do país. Objetivos: o objetivo primário deste estudo foi observar a eficácia de técnicas de yoga no trata...

    11. Identificação precoce do risco para transtornos da atenção e da leitura em sala de aula

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Olga Valéria Andrade

      Full Text Available Testou-se a acurácia de atividades pedagógicas coletivas, baseadas em julgamentos fonológicos por meio do pareamento entre figuras e de figuras com palavras faladas, na identificação de escolares de risco para transtornos da atenção e da leitura em sala de aula. Quarenta e cinco escolares do 2º ano (idade média de 7 anos, 29 do gênero masculino, foram divididos em grupo controle, sem dificuldade de leitura-escrita (n=32, e grupo de risco, com dificuldade de leitura (n=13. O baixo desempenho nessas atividades, definido como os escores acima de 1,65 DP abaixo da média do grupo controle, apresentou boa sensitividade (verdadeiros positivos e especificidade (verdadeiros negativos na identificação precoce dos escolares de risco.

    12. Mini International Neuropsychiatric Interview (MINI): validação de entrevista breve para diagnóstico de transtornos mentais

      OpenAIRE

      Amorim Patrícia

      2000-01-01

      Objetivos: O MINI é uma entrevista diagnóstica padronizada breve (15-30 minutos), compatível com os critérios do DSM-III-R/IV e da CID-10, que é destinada à utilização na prática clínica e na pesquisa em atenção primária e em psiquiatria, e pode ser utilizada por clínicos após um treinamento rápido (de 1 a 3 horas). A versão Plus do MINI, mais detalhada, gera diagnósticos positivos dos principais transtornos psicóticos e do humor do DSM-IV. Este artigo apresenta os resultados de quatro estudo...

    13. Redes sociais significativas de mulheres com transtornos alimentares

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Carolina Leonidas

      2013-01-01

      Full Text Available O presente artigo teve como objetivo investigar como se configuram as redes sociais significativas de mulheres com transtornos alimentares (TAs, o apoio social percebido e suas possíveis implicações para a evolução do quadro. Foram investigadas seis mulheres cadastradas em um serviço de assistência em TA da região sudeste do Brasil. Os instrumentos utilizados foram Mapa de Rede e entrevista semiestruturada. Os relatos foram submetidos à análise de conteúdo temática. Evidenciou-se que as relações interpessoais consideradas significativas eram muito escassas e apresentavam baixa qualidade em termos de grau do envolvimento e apoio mútuo, comprometendo o potencial de apoio e, consequentemente, o bem-estar das participantes. A família caracterizou-se como a principal fonte de apoio social. Concluindo, há necessidade de incluir as redes de apoio na assistência, a fim de fortalecê-las para prevenir agravos.

    14. Transtornos alimentares ou um impasse dietético?

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Henrique Figueiredo Carneiro

      2004-12-01

      Full Text Available Este texto se interroga se é apropriada a nomenclatura direcionadaaos sintomas classificados como “transtornos alimentares”, a partirda posição do sujeito anoréxico. E propõe, a partir de uma lógicada posição do sujeito frente ao objeto, a experimentação de um impassedietético que estremece sua crença no objeto de amor totalizantee que reaviva uma inscrição ocorrida em uma idade precocee determinante para o advento do amor. Apresenta ainda a tese deque o amor sempre se reinscreverá em função de uma dimensãoprecoce e no tempo em que o sujeito se encontra com uma falha nasua construção subjetiva, indicando que uma relação sexual inexisteprecisamente no duplo espaço de falência de sexo e de amor.

    15. Inclusão social de pessoas com transtornos mentais: a construção de redes sociais na vida cotidiana

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Mariana Moraes Salles

      2013-07-01

      Full Text Available O suporte das redes sociais é um aspecto fundamental para a inclusão social de pessoas com transtornos mentais. Neste artigo buscou-se identificar e analisar as dificuldades e as possibilidades de usuários de um Centro de Atenção Psicossocial (CAPS em construir sua rede social ampliada. Utilizou-se a abordagem qualitativa como metodologia de pesquisa e como referencial filosófico de suporte. Para o desenvolvimento da pesquisa foi utilizada a teoria sobre o cotidiano de Ágnes Heller. Os sujeitos desta investigação foram usuários de CAPS e pessoas de sua rede social. Para a coleta de dados foram realizadas entrevistas semiestruturadas e para a apuração dos dados a Análise do Discurso. Foi identificado que mesmo vivendo na comunidade esta população muitas vezes está segregada, isolada da convivência com outras pessoas; ocorrendo o processo de exclusão social. Porém, o CAPS é um espaço de pertencimento e acolhimento, que inegavelmente produz mudanças favoráveis na vida dos usuários. As pessoas com transtornos mentais também têm conseguido se relacionar com os demais; utilizando as oportunidades disponíveis, eles fazem novos amigos e mantêm as amizades que já existiam. É justamente a convivência na comunidade que favorece a formação de relacionamentos.

    16. Avaliação do Comportamento Motor em Crianças com Transtorno do Espectro do Autismo: uma Revisão Sistemática

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Angélica Miguel SOARES

      2015-09-01

      Full Text Available RESUMOObjetivou-se analisar por meio de revisão sistemática da literatura evidências de pesquisas que apresentem instrumentos de avaliação do comportamento motor em crianças com transtorno do espectro do autismo. Tratou-se de uma revisão sistemática, tendo como critérios de inclusão: artigos originais, do tipo pesquisa de campo, sem determinação cronológica. As buscas foram feitas no Lilacs, PubMed, Scielo, Google Acadêmico e Periódicos CAPES, utilizando-se os descritores: Transtorno autístico, Atividade Motora, Educação Física e Teste. Encontrou-se 3.164 textos na busca inicial, selecionando-se 06 que preencheram os critérios estabelecidos. Observou-se que as publicações sobre o assunto ainda são limitadas, visto que se evidenciou a necessidade de instrumentos específicos para avaliação do comportamento motor em tal público. Referente à credibilidade dos instrumentos encontrados, ficou claro a preocupação dos autores com instrumentos que sejam adequados à população, apesar da limitação no que tange à construção e validação de instrumentos que se detenham exclusivamente à avaliação do comportamento motor desses indivíduos, visto que são crianças que tem as funções de desenvolvimento afetadas e sua etiologia ainda é pouco conhecida. Por fim, há necessidade de estudos que abordem especificamente instrumentos com tais características, tendo uma maneira direcionada de intervir para a melhoria do comportamento motor de tal população.

    17. Freqüência de mutação no códon 12 do gene K-ras no carcinoma ductal invasivo de mama Frequency of mutations at codon 12 of the K--ras gene in invasive ductal breast cancer

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Sônia Maria Rolim Rosa Lima

      1999-04-01

      Full Text Available Objetivo: pesquisar a freqüência de mutação pontual no códon 12 do gene K-ras, em espécimes cirúrgicos de pacientes portadoras de carcinoma ductal invasivo de mama. Material e Métodos: foram utilizados cortes de 50 espécimes cirúrgicos incluídos em blocos de parafina, de pacientes portadoras de carcinoma ductal invasivo de mama, com graus histológicos II e III. Os cortes destinados ao estudo foram desparafinizados e submetidos a extração do DNA, por meio do emprego da proteinase K. Para a amplificação do fragmento a ser analisado, utilizou-se a reação em cadeia da polimerase, seguida por clivagem com o emprego de enzima de restrição de comprimento variável (RFLP. A verificação da presença de mutação nas amostras foi feita com o emprego de eletroforese em gel de agarose, com marcador de peso molecular "Ladder 123" (GIBCO-BRL, e a documentação dos resultados, mediante fotografia, utilizando-se luz ultravioleta transmitida. Resultados: em cinco dos 50 carcinomas ductais invasivos de mama estudados (10% constatou-se a presença de mutação no códon 12 do gene K-ras, sendo todas elas polimórficas para esse caráter. As afetadas pelos tumores, que apresentavam a referida mutação, encontravam-se na pós-menopausa. Em quatro dos cinco casos em que se constatou a mutação, o grau histológico dos tumores era II e no caso restante III.Purpose: the frequency of point mutation at codon 12 of the K¾ras gene was determined in paraffin blocks of surgical specimens from patients who had ductal invasive breast cancer. Material and Methods: Fifty surgical specimens blocked in paraffin from patients with ductal invasive breast cancer, with histological degree II and III, were used. The polymerase chain reaction (PCR was used for amplification of DNA fragments studied. The material cleavage was obtained with restriction fragment length polymorphisms (RFLP. The electrophoresis in agarose gel, with Ladder 123 (GIBCO-BRL marker, was

    18. Perfil neuropsicológico de adolescentes com transtornos de ansiedade

      OpenAIRE

      Rafaela Behs Jarros

      2011-01-01

      Objetivo: Os transtornos de ansiedade estão entre os mais prevalentes na infância e adolescência, estão associados a um prejuízo no desempenho social e a possíveis déficits cognitivos que levariam a um baixo rendimento escolar. Porém ainda são inconsistentes os achados nesta área, tornando-se necessários estudos que investiguem o perfil neuropsicológico desses pacientes. O presente estudo tem como objetivo avaliar o perfil neuropsicológico de adolescentes com diagnóstico de transtornos de ans...

    19. Influência do transtorno depressivo maior e dos transtornos de ansiedade na qualidade de vida de pacientes com hepatite C crônica

      OpenAIRE

      Luciana Rodrigues da Cunha

      2012-01-01

      Numerosos estudos em pacientes com hepatite C crônica demonstram redução significativa da qualidade de vida relacionada à saúde (QVRS) em comparação a controles saudáveis, independentemente do estágio da doença hepática. O estado de humor, a gravidade da doença e o estilo de vida interferem na QVRS de indivíduos que apresentem doença crônica. No caso da infecção pelo VHC, as interrelações entre estes fatores biopsicossociais não estão totalmente esclarecidas. Objetivos: O presente estudo t...

    20. Transtornos mentais e inserção no mercado de trabalho no Brasil: um estudo multicêntrico nacional

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Ada Ávila Assunção

      Full Text Available Resumo: Objetivou-se explorar a relação entre inserção no mercado de trabalho e as características de pacientes da amostra representativa de 2.475 adultos internados em 26 instituições brasileiras de saúde mental (15 Centros de Atendimento Psicossocial e 11 hospitais. Características sociodemográficas, clínicas e comportamentais foram obtidas de entrevistas estruturadas. Regressão multinomial foi utilizada. Maior probabilidade de afastamento temporário do mercado de trabalho foi observada em pacientes do sexo feminino, solteiros, divorciados ou viúvos, sem moradia estável e internados ou tratados pela primeira vez antes dos 18 anos de idade. Maior probabilidade de afastamento definitivo do mercado de trabalho foi observada entre os mais velhos. Afastamento temporário ou definitivo foi diretamente associado à baixa escolaridade, ao número de internações ao longo da vida e ao diagnóstico de transtorno mental grave; e inversamente associado ao uso de álcool e drogas. As vulnerabilidades ocupacionais identificadas suscitam o debate sobre a formulação de políticas setoriais.

    1. Temperamento e Caráter na Resposta à Terapia Cognitivo-Comportamental para Transtorno de Pânico

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Débora Cassiane Finkler

      Full Text Available RESUMO O estudo investigou o impacto das características de temperamento e caráter na resposta à terapia cognitivo-comportamental (TCC para pacientes com transtorno de pânico (TP. Um total de 55 pacientes realizou 12 sessões de TCC em grupo (TCCG. A gravidade dos sintomas foi verificada antes e após a intervenção, e o Inventário de Temperamento e Caráter de Cloninger foi aplicado no início do tratamento. Observou-se uma redução significativa na gravidade do TP após a intervenção. Análises de regressão indicaram que as características de temperamento (persistência e caráter (autodirecionamento e cooperatividade não se mostraram significativamente relacionadas à melhora da agorafobia e de sintomas depressivos, permanecendo a gravidade inicial desses sintomas como fatores independentes de resposta à TCCG.

    2. Acolhimento e Vínculo em um Serviço de Assistência a Portadores de Transtornos Alimentares

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Tatiane Mitleton Borges Ramos

      2013-04-01

      Full Text Available Acolhimento e vínculo são dispositivos técnicos e políticos que visam a garantir uma assistência qualificada em saúde. Este estudo teve por objetivo avaliar o acolhimento e o vínculo entre profissionais e usuários de um serviço de assistência multidisciplinar para pessoas diagnosticadas com transtornos alimentares. Foram entrevistados 16 usuários e sete profissionais. Foi utilizada avaliação qualitativa de quarta geração. Os resultados foram agrupados em três unidades temáticas: postura, técnica e acesso. A análise dos dados, a partir das dimensões mencionadas, evidenciou alguns elementos necessários para que o acolhimento e o vínculo no serviço se estabelecessem: integralidade no serviço, intersetorialidade, interdisciplinaridade, formação profissional e humanização da assistência. Concluiu-se que, na perspectiva de usuários e profissionais, o serviço busca oferecer um atendimento usuário-centrado por meio de procedimentos que priorizam a dimensão humana do sujeito atendido, com considerável efetividade em suas ações, apesar de algumas limitações e deficiências.

    3. Planejamento familiar de mulheres com transtorno mental: o que profissionais do CAPS têm a dizer

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Escolástica Rejane Ferreira Moura

      2012-08-01

      Full Text Available O objetivo deste estudo foi verificar demandas de planejamento familiar que chegam ao Centro de Atendimento Psicossocial (CAPS e investigar contribuições desse serviço para as mulheres portadoras de transtorno mental. Trata-se de estudo qualitativo, realizado com oito profissionais de um CAPS de Fortaleza-CE. A coleta de dados ocorreu por meio de entrevista, sendo utilizada para análise a técnica de conteúdo. As demandas detectadas foram: solicitação de informações pelos familiares para lidar com paciente sexualmente ativo; pacientes suscetíveis à violência sexual e gravidez; mulheres com depressão, em uso de carbonato de lítio. As contribuições: necessidade de rede integrada (atenção básica/CAPS, com profissionais conhecedores das particularidades do planejamento familiar dessas mulheres - parte defende atendimento na atenção básica, parte, atendimento no CAPS, destacando-se o matriciamento como estratégia a corresponsabilizar os dois polos, evitando encaminhamentos desnecessários aos CAPS, pelo fortalecimento da resolubilidade dos casos na atenção básica.

    4. Angiografia por tomografia computadorizada dos aneurismas intracranianos

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Laureano Vinícius Santos

      2002-01-01

      Full Text Available Este trabalho foi realizado para avaliar os achados da angiografia por tomografia computadorizada, comparativamente à angiografia por subtração digital, em relação aos aneurismas intracranianos, e a possibilidade da maior utilização da angiografia por tomografia computadorizada no Brasil. Foram analisados oito pacientes que apresentavam um total de sete aneurismas não tratados e um aneurisma tratado. Houve subseqüente correlação com outros trabalhos publicados na literatura médica. Os exames foram realizados em uma clínica e em dois hospitais privados, na cidade do Rio de Janeiro, RJ. Foi demonstrada boa correlação entre os métodos estudados, em relação ao diagnóstico dos aneurismas, no acompanhamento e avaliação pré-terapêutica dessas lesões. A angiografia por tomografia computadorizada foi um exame menos invasivo, de menor custo e maior acessibilidade. Concluiu-se que a angiografia por tomografia computadorizada é um exame que deve ser utilizado com maior freqüência para avaliação nesta enfermidade.

    5. PREVALENCIA DE PROCEDIMIENTOS INVASIVOS EN UNA POBLACIÓN CHILENA USUARIA DE MÉTODOS DE CRIBADO Y DIAGNÓSTICO PRENATAL

      OpenAIRE

      Parra C,Mauro; Quiroz V,Lorena; Pérez B,Sebastián; Rau M,Carlos; Terra A,Rodrigo; Pedraza S,Daniel; Muñoz S,Hernán; Valdés R,Enrique

      2007-01-01

      Objetivo: Evaluar la prevalence del uso de procedimientos invasivos prenatales en una población chilena con cribado y diagnóstico de alteraciones morfológicas y/o cromosómicas. Método: Estudio descriptivo en 17.906 embarazadas entre junio de 2000 y octubre de 2006, a las cuales se les realizó cribado ecogrático de aneuploidia y malformaciones congénitas durante el primer y segundo trimestre. Las pacientes fueron informadas y aconsejadas acerca de las implicancias de dichos procedimientos. Los...

    6. Efectividad del abordaje no invasivo del PGM 3 del trapecio. A propósito de un caso clínico.

      OpenAIRE

      Mínguez Sánchez, Ainhoa

      2010-01-01

      El presente Trabajo de Fin de Grado expone un caso de cefalea cervicogénica de más de 10 años de evolución que no ha logrado satisfacción terapéutica mediante farmacoterapia. La paciente presenta un patrón de dolor referido causado por los puntos gatillos miofasciales 1, 2 y 3 del trapecio derecho, limitación de la movilidad cervical y del miembro superior ipsilateral. Se llevó a cabo un tratamiento no invasivo, tratando el punto gatillo 3 activo del trapecio derecho según los autores Travell...

    7. PREVALENCIA DE PROCEDIMIENTOS INVASIVOS EN UNA POBLACIÓN CHILENA USUARIA DE MÉTODOS DE CRIBADO Y DIAGNÓSTICO PRENATAL

      OpenAIRE

      Parra C,Mauro; Quiroz V,Lorena; Pérez B,Sebastián; Rau M,Carlos; Terra A,Rodrigo; Pedraza S,Daniel; Muñoz S,Hernán; Valdés R.,Enrique

      2007-01-01

      Objetivo: Evaluar la prevalence del uso de procedimientos invasivos prenatales en una población chilena con cribado y diagnóstico de alteraciones morfológicas y/o cromosómicas. Método: Estudio descriptivo en 17.906 embarazadas entre junio de 2000 y octubre de 2006, a las cuales se les realizó cribado ecogrático de aneuploidia y malformaciones congénitas durante el primer y segundo trimestre. Las pacientes fueron informadas y aconsejadas acerca de las implicancias de dichos procedimientos. Los...

    8. Prevalência de transtornos mentais nas tentativas de suicídio em um hospital de emergência no Rio de Janeiro, Brasil Prevalence of mental disorders associated with suicide attempts treated at an emergency hospital in Rio de Janeiro, Brazil

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Simone Agadir Santos

      2009-09-01

      Full Text Available Há poucos estudos nacionais sobre prevalência de transtornos mentais nas tentativas de suicídio, os quais utilizararam principalmente dados secundários e instrumentos de rastreamento. O objetivo deste estudo foi estimar a prevalência de transtornos mentais em 96 casos de tentativas de suicídio atendidos em hospital de emergência, Rio de Janeiro, Brasil (2006-2007, utilizando o Composite International Development Interview. A maioria da amostra consistiu em mulheres, jovens, baixa escolaridade e ingestão de medicamentos psicoativos como principal meio. Outros fatores: histórias prévias de tentativa e uso de álcool no momento do agravo. Os transtornos mentais mais freqüentes foram: episódio depressivo (38,9%, dependência de substâncias psicoativas (21,9%, transtorno de estresse pós-traumático (20,8%, dependência de álcool (17,7% e esquizofrenia (15,6%. A taxa total dos transtornos mentais foi de 71,9%. Tais achados são mais próximos aos estudos em países em desenvolvimento. Além do acesso ao tratamento dos transtornos mentais, são necessárias políticas públicas que enfatizem o controle de meios e respostas sociais à redução do comportamento suicida.There are few Brazilian studies on prevalence of mental disorders in suicide attempters. The available studies have mainly used secondary data and screening instruments. The principal objective of this study was to estimate the prevalence of mental disorders in 96 suicide attempters seen in an emergency ward in Rio de Janeiro, Brasil (2006-2007 using the Composite International Development Interview. Most were female, young, and illiterate, and the main method was ingestion of psychoactive drugs. Other factors included history of prior attempts and use of alcohol at the time of attempt. The most frequent mental disorders were: depression (38.9%, use of psychoactive substances (21.9%, posttraumatic stress disorder (20.8%, alcohol abuse (17.7%, and schizophrenia (15.6%. Total

    9. Adult mood disorders and childhood psychological trauma Transtornos do humor no adulto e trauma psicológico na infância

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Maria Lucrécia Scherer Zavaschi

      2006-09-01

      Full Text Available OBJECTIVE: To evaluate the association between adult mood disorders and childhood psychological trauma in a developing country. METHOD: Adults with and without mood disorders were assessed in a case-control study using the Mini International Neuropsychiatric Interview. Assessment of childhood trauma included physical and sexual abuse, frequent exposure to violence, and parental loss. RESULTS: In two independent multivariate analyses, after adjusting for potential confounding factors, we found a higher odds ratio for frequent exposure to violence in the community (p = .037 and for physical abuse by parents or caregivers during childhood/adolescence (p = .012 in the group with mood disorders than in the control group. In secondary analyses splitting the mood disorder group in two subgroups (manic episode, and major depressive episodes/ dysthymia, only manic patients showed significantly higher rates of frequent exposure to violence in the community (p = 0.01 and physical abuse during childhood (p = 0.02 than did patients in the control group. In addition, maniac patients had significantly higher rates of sexual abuse than did controls (p = .03. CONCLUSIONS: Our findings document an association between violence during childhood and adult mood disorders, especially for manic patients, in a developing country.OBJETIVO: Avaliar a associação entre transtornos de humor no adulto e trauma psicológico na infância em um país em desenvolvimento. MÉTODO: Adultos com e sem transtorno de humor foram avaliados em um estudo de caso-controle utilizando a Mini Entrevista Neuropsiquiátrica Internacional. A avaliação de trauma infantil incluiu abuso físico e sexual, exposição freqüente à violência e perda dos pais. RESULTADOS: Em duas análises multivariadas independentes, após o ajuste para fatores potenciais de confusão, encontramos uma razão de chance mais alta de exposição freqüente à violência na comunidade (p = 0,037 e de abuso f

    10. Transtorno de estresse pós-traumático em dependente do álcool Post-traumatic stress disorder and alcoholism

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Gilda Pulcherio

      2008-01-01

      Full Text Available CONTEXTO: Os transtornos comórbidos entre dependentes químicos têm se mostrado a regra e não a exceção. O transtorno de estresse pós-traumático (TEPT é um transtorno de ansiedade que se desenvolve após evento traumático, com importante sintomatologia. Quase 100% dos dependentes químicos que procuram tratamento relatam história de traumas, e as prevalências de TEPT têm variado entre 30% e 60%. Entre os alcoolistas, as prevalências de TEPT variam de 10% a 40%. Apesar das altas prevalências, tais transtornos carecem de investigação pelos clínicos. OBJETIVOS: Tem-se como objetivo relatar o caso de um alcoolista com transtorno bipolar e sintomas de TEPT há alguns anos, cujo resultado de tratamento deveu-se ao reconhecimento da última comorbidade e abordagem conjunta das patologias. MÉTODOS: Paciente masculino, 40 anos, participou em uma pesquisa do Instituto de Prevenção e Pesquisa em Álcool e outras Dependências (IPPAD, que investiga a exposição a eventos traumáticos e TEPT em dependentes químicos, respondendo a vários instrumentos. Realizou entrevistas com uma das pesquisadoras visando a este relato de caso. Os resultados foram avaliados por entrevistas com o paciente e aplicação da Davidson Trauma Scale (DTS. RESULTADOS: A DTS foi respondida por ocasião da participação na pesquisa e um ano após, para avaliar resultados de tratamento. No primeiro momento, o paciente pontuou um escore total de 75 pontos e, no segundo, de 40 pontos. A melhora deveu-se ao reconhecimento do TEPT e seu tratamento com psicoterapia psicodinâmica, terapia cognitivo-comportamental e abordagem familiar como estratégias terapêuticas utilizadas. Para o tratamento psicofarmacológico foram utilizados carbonato de lítio, sertralina e clonazepan. CONCLUSÕES: A investigação de traumas e TEPT deve ser rotina no atendimento de alcoolistas. O reconhecimento precoce desta comorbidade pode prevenir sua cronicidade, favorecer a aderência e

    11. Some notes on a historical perspective of panic disorder Algumas notas sobre uma perspectiva histórica do transtorno de pânico

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Antonio Egidio Nardi

      2006-01-01

      Full Text Available This article aims to describe important points in the history of panic disorder concept, as well as to highlight the importance of its diagnosis for clinical and research developments. Panic disorder has been described in several literary reports and folklore. One of the oldest examples lies in Greek mythology - the god Pan, responsible for the term panic. The first half of the 19th century witnessed the culmination of medical approach. During the second half of the 19th century came the psychological approach of anxiety. The 20th century associated panic disorder to hereditary, organic and psychological factors, dividing anxiety into simple and phobic anxious states. Therapeutic development was also observed in psychopharmacological and psychotherapeutic fields. Official classifications began to include panic disorder as a category since the third edition of the American Classification Manual (1980. Some biological theories dealing with etiology were widely discussed during the last decades of the 20th century. They were based on laboratory studies of physiological, cognitive and biochemical tests, as the false suffocation alarm theory and the fear network. Such theories were important in creating new diagnostic paradigms to modern psychiatry. That suggests the need to consider a wide range of historical variables to understand how particular features for panic disorder diagnosis have been developed and how treatment has emerged.O objetivo deste artigo é descrever alguns pontos importantes na história do desenvolvimento do conceito de transtorno de pânico e ressaltar a importância do diagnóstico para o progresso da pesquisa e da clínica. O transtorno de pânico foi descrito em vários textos literários e folclóricos. Talvez um dos exemplos mais antigos seja o deus Pan da mitologia grega, responsável pelo termo pânico.Aprimeira metade do século XIX presenciou o apogeu do processo de abordagem médica. Durante a segunda metade do s

    12. Comorbidades clínicas e psiquiátricas em pacientes com transtorno bipolar do tipo I

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Izabela Guimarães Barbosa

      2011-01-01

      Full Text Available Contexto: O transtorno bipolar tipo I está comumente associado a comorbidades clínicas e psiquiátricas, mas ainda há poucos dados disponíveis sobre pacientes brasileiros. Objetivos: O objetivo do presente estudo foi avaliar a prevalência de comorbidades clínicas e psiquiátricas em uma amostra brasileira de pacientes bipolares tipo I. O objetivo secundário foi investigar as associações de características clínico-demográficas e comorbidades com tentativas de suicídio. Métodos: Foram incluídos neste estudo 94 pacientes bipolares tipo I. O diagnóstico psiquiátrico foi determinado utilizando-se a avaliação Mini International Neuropsychiatric Interview (MINI-Plus. O diagnóstico de comorbidades clínicas foi baseado na história clínica e no acompanhamento de clínicos gerais. Resultados: As comorbidades mais prevalentes nos pacientes bipolares foram: transtorno de ansiedade generalizada (19,20%, dependência de substâncias (43,60%, hipertensão arterial (29,80%, diabetes mellitus (17,00%, dislipidemia (22,30% e hipotireoidismo (19,10%. Não foram encontradas diferenças estatísticas em relação às características demográficas ou à prevalência de comorbidades nos grupos com e sem tentativa de suicídio. Conclusão: Pacientes bipolares atendidos em serviço psiquiátrico apresentam elevada prevalência de comorbidades psiquiátricas e clínicas. Nessa população, tentativas de suicídio não se associam com a presença de comorbidades ou características demográficas.

    13. Diagnóstico prenatal no invasivo: Ácidos nucleicos de origen fetal en sangre materna

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Carla Sesarini

      2010-12-01

      Full Text Available Las técnicas actuales de diagnóstico prenatal de enfermedades génicas y cromosómicas incluyen procedimientos invasivos que conllevan un pequeño, pero significativo, riesgo. Por muchos años se ha estudiado la posibilidad de utilizar células fetales en circulación materna; sin embargo, ha fracasado su implementación clínica debido a su escasez y persistencia luego del parto. Desde hace más de una década se detectó ADN fetal libre en sangre de embarazadas. Este sería de origen placentario e indetectable después del parto, y fuente de material fetal para el desarrollo de técnicas diagnósticas utilizando sangre materna. No obstante, la mayoría del ADN libre en circulación materna es de origen materno con una contribución fetal del 3% al 6% aumentando a lo largo de la gestación. Dado que los métodos actuales no permiten separar el ADN libre fetal del materno, las aplicaciones se focalizan en el análisis de genes no presentes en la madre, tales como secuencias del cromosoma Y, o gen RHD en madres Rh negativas, o mutaciones paternas o de novo. Asimismo, la detección de ARN fetal libre en sangre de embarazadas abrió la posibilidad de obtener información acerca de patrones de expresión génica de tejidos embrionarios y, utilizando genes que se expresan sólo en la unidad feto-placentaria, se podría establecer un control de presencia de material fetal, independiente del material genético de la madre. El presente trabajo describe las evidencias acerca del pasaje de ácidos nucleicos fetales a circulación materna, su aplicación actual en el diagnóstico prenatal y posibles usos futuros.

    14. Problemas de comportamento em crianças com Transtorno Autista

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Márcia Regina Fumagalli Marteleto

      Full Text Available Este trabalho teve por objetivo identificar problemas de comportamento apresentados por crianças com Transtorno Autista. Participaram 118 mães de crianças de três a quinze anos, divididas em três grupos: crianças autistas; crianças com distúrbios de linguagem; e crianças sem patologias informadas. As mães responderam ao Child Behavior Checklist. Os grupos Transtorno Autista e Distúrbios de Linguagem tiveram escores médios significantemente maiores que o grupo de crianças sem patologias informadas. O grupo com Distúrbios de Linguagem teve escores médios maiores em comportamento agressivo e comportamentos externalizantes. As crianças com transtorno autista tiveram escores médios maiores em Problemas de Pensamento e menores em Ansiedade. Crianças com transtorno autista apresentam problemas de comportamento diferentes de crianças sem patologias informadas.

    15. Tipo de ecolalia em crianças com Transtorno do Espectro Autista

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Marina Mergl

      2015-12-01

      Full Text Available RESUMO: O Transtorno do Espectro Autista (TEA é uma síndrome caracterizada por prejuízos persistentes na comunicação social recíproca, com interação social restrita e padrões repetitivos de comportamentos, interesses e atividades. Os comportamentos repetitivos na linguagem podem manifestar-se pelo aparecimento da ecolalia, fenômeno persistente caracterizado como um distúrbio de linguagem, com repetição da fala do outro, dividida em imediata ou tardia. Teve como objetivo a verificação do tipo de ecolalia e das habilidades comunicativas em sete meninos com TEA, com idades entre quatro e sete anos, que fazem uso da comunicação oral. Foram realizadas duas atividades distintas: avaliação das crianças em uma sessão de atendimento fonoaudiológico em situação lúdica, analisada pelo Protocolo de Observação Comportamental e aplicação de um questionário com os pais e profissionais para verificar suas opiniões quanto ao uso, tipo e frequência de ecolalia. Das sete crianças do estudo, seis apresentaram ecolalia imediata e uma tardia; a criança que utilizou ecolalia tardia apresentou menor pontuação no protocolo de observação comportamental, porém para os demais sujeitos não houve relação direta entre o tipo e número de ecolalia com a pontuação. O questionário aplicado com pais e profissionais mostrou concordância quanto à presença da ecolalia. As crianças com TEA deste estudo apresentaram habilidades comunicativas e aspectos do desenvolvimento cognitivo comprometidos e maior número de ecolalias imediatas. Estudos com o tema ecolalia ainda são escassos na literatura nacional. Este relato de casos clínicos pode contribuir para futuras pesquisas sobre a caracterização da linguagem em crianças com TEA e conduta terapêutica dos fonoaudiólogos.

    16. Neurobiologia do transtorno de personalidade anti-social Neurobiology of anti-social personality disorder

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Cristina Marta Del-Ben

      2005-01-01

      Full Text Available Nos últimos anos, tem havido um interesse crescente a respeito de uma melhor compreensão sobre o comportamento anti-social. O aumento da criminalidade e violência urbanas pode ter contribuído para esse maior interesse. Além de fatores psicossociais, outros biológicos têm sido implicados na fisiopatogenia do transtorno de personalidade anti-social (TPAS. Estudos de neuroimagem apontam o envolvimento de estruturas cerebrais frontais, especialmente o córtex orbitofrontal, e a amígdala. Também tem sido sugerido que prejuízos na função serotonérgica estariam associados à ocorrência de comportamento anti-social, já que pacientes com diagnóstico de TPAS apresentam respostas hormonais atenuadas a desafios farmacológicos com drogas que aumentam a função serotonérgica cerebral e redução da concentração de receptores serotonérgicos. Uma abordagem ampla dos diferentes fatores possivelmente envolvidos na fisiopatogenia do TPAS poderia contribuir para o desenvolvimento de novas técnicas de prevenção e intervenção.Violence and crime have been increasing considerably in urban societies. As a consequence, some efforts have been made aiming at a better understanding of antisocial bevaviour. Apart from psychosocial factors, some evidences suggest the occurrence of biological factors in the pathogenesis of antisocial personality disorders (ASPD. Neuroimaging studies have shown the involvement of prefrontal areas, especially orbitofrontal cortex, and amygdala. Also, impaired serotonin (5-HT neurotransmission has been implicated, since patients with ASPD present alterations in measures of 5-Ht system, such as blunted hormonal response to 5-HT pharmacological challenges and reduced 5-HT receptors numbers. A comprehensive approach of antisocial behavior, including biological and psychosocial aspects could lead to the development of new techniques for prevention and intervention in ASPD.

    17. Prevalência de Transtornos Mentais e Percepção de Suporte Familiar em Policiais Civis

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Maria Cristina d'Avila de Castro

      Full Text Available Este estudo transversal, exploratório-descritivo, verificou a prevalência de Transtorno Mental e Comportamental (TMC e percepção do suporte familiar em Policiais Civis de Santa Catarina, afastados do trabalho pela Perícia Médica do Estado, no período entre 2009 e 2010. Utilizaram-se na coleta de dados: a planilha de dados de prevalência de TMC da Secretaria de Estado da Administração/SC; b inventário de percepção de suporte familiar; c investigação das dimensões desse suporte e do processo de adoecimento relacionado ao trabalho, na perspectiva do policial e do familiar. Os dados de prevalência referem-se aos afastamentos por TMC (n = 148 no período mencionado e os de suporte familiar, aos policiais (n = 19 e familiares (n = 13 participantes da entrevista. Detectou-se que, para cada 100 policiais, 4,6 foram afastados por TMC. A percepção do suporte familiar por parte dos policiais indicou ser ele um recurso importante durante o período de afastamento do trabalho, na recuperação e no retorno à atividade, corroborando a existência de uma associação inversa entre nível de apoio social e sofrimento psíquico. Conclui-se que o incentivo à valorização do suporte familiar e o estímulo às relações interpessoais na família, no trabalho e nas relações sociais ampliadas, tornam-se ferramentas importantes para a percepção de bem-estar e se relacionam com o aumento da satisfação de vida, da autoestima e, por consequência, contribuem para o controle dos sintomas.

    18. Assessment Scale for Body Dysmorphic Disorder (AS-BDD: psychometric properties Escala de Avaliação do Transtorno Dismórfico Corporal (EA-TDC: propriedades psicométricas

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Kátia Perez Ramos

      2012-01-01

      Full Text Available This study analyzed the psychometric properties of the second version of the Assessment Scale for Body Dysmorphic Disorder (AS-BDD. It is a scale of self-report, with 40 items, developed to evaluate 3 dimensions of Body Dysmorphic Disorder (BDD: (a excessive concern with a minor or imagined flaw in his/her personal physical characteristics, (b significant clinical suffering and functional damage in important areas of life, and (c such concern is not better explained by another disorder. The construct analysis by judges indicated accordance in 35 items which were answered by 30 patients diagnosed with BDD and 400 university students. The validity of criterion measures indicated ability to discriminate the items among the individuals of both sampled groups. The exploratory factor analysis suggested a unidimensional structure of the scale which allows to measuring "excessive concern with a minor or imagined flaw in his/her personal physical characteristics and the functional damages in different areas of life". The withheld items have shown excellent internal consistency. Cut point definitions and the ability to discriminate other disorders should be further studied.Este estudo analisou as propriedades psicométricas da segunda versão da Escala de Avaliação do Transtorno Dismórfico Corporal - EA-TDC, de auto-relato, 40 itens, desenvolvidos para avaliar três critérios do Transtorno Dismórfico Corporal caracterizado por: preocupação excessiva com um imaginado defeito na aparência; sofrimento clinicamente significativo e prejuízo funcional em campos importantes da vida; a preocupação não é melhor explicada por outro transtorno. A análise de construto por juízes indicou acordo sobre 35 itens. Esses foram respondidos por 30 pacientes diagnosticados com TDC e 400 universitários. A validade de critério indicou capacidade de discriminação dos itens entre os indivíduos dos dois grupos amostrais. A análise fatorial explorat

    19. Transtorno de personalidade na terceira idade Personality disorders in an elderly patient

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Fernanda Speggiorin Pereira

      2007-01-01

      Full Text Available CONTEXTO: Dificuldades interpessoais, instabilidade afetiva, distorções da relação médico-paciente e respostas imprevisíveis às intervenções são características centrais aos transtornos de personalidade que são encontradas tanto em pacientes jovens, como em adultos idosos. RELATO DE CASO: Encontra-se aqui descrito um caso de transtorno de personalidade em paciente de 68 anos de idade, com transtorno de personalidade do tipo histriônica e outras comorbidades psiquiátricas. CONCLUSÃO: Transtorno de personalidade é um diagnóstico raramente aventado no tratamento psiquiátrico no paciente idoso de difícil manejo. Deve-se nestes casos fazer uma investigação mais aprofundada do funcionamento da personalidade, pois a presença e a severidade do transtorno de personalidade têm implicações no plano da assistência de ambos os tratamentos psicológico e farmacológico.CONTEXT: Interpersonal difficulties, affective instability, distortions of the clinician-patient relationship, and unpredictable responses to clinical interventions, are characteristics found in older adults as well as in younger patients with personality disorders. CASE REPORT: We report the case of a 68 years old patient with histrionic personality disorder and other psychiatric comorbidities. CONCLUSION: Personality disorders are frequently overlooked in the diagnostic workout of complex psychogeriatric syndromes, and require a comprehensive assessment of personality traits. The correct identification of personality disorders and their subtypes is critical for planning the therapeutic approach, including pharmacotherapy and psychological management.

    20. Transtorno de déficit de atenção/hiperatividade na infância e na adolescência: considerações clínicas e terapêuticas Attention-deficit/hyperactivity disorder in childhood and adolescence: clinical and therapeutic aspects

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Luis Augusto Rohde

      2004-01-01

      Full Text Available OBJETIVOS: O transtorno de déficit de atenção/hiperatividade (TDAH é um transtorno mental com alta prevalência em crianças e adolescentes, causando prejuízos importantes no funcionamento dos indivíduos acometidos. A presente revisão visa a orientar o psiquiatra sobre alguns dilemas clínicos e terapêuticos freqüentemente encontrados no tratamento desses pacientes. MÉTODOS: Revisão abrangente, não sistemática da literatura sobre as seguintes questões: a diferenciação normalidade/presença do transtorno; b importância clínica do critério de idade de início de prejuízo dos sintomas; c a fronteira com quadros de transtorno de humor bipolar (THB; d diretrizes terapêuticas na presença de comorbidades. RESULTADOS: São apresentadas dicas clínicas para caracterizar o diagnóstico sem aumentar significativamente a proporção de falsos positivos no grupo dos portadores do transtorno, bem como para auxiliar tanto no diagnóstico diferencial com THB quanto no manejo farmacológico do transtorno na presença de comorbidades. CONCLUSÕES: O correto diagnóstico, evitando-se critérios muito flexíveis, é fundamental para um transtorno com constructo dimensional na população, bem como a adequada utilização de medicação para um transtorno com alta prevalência de comorbidades.OBJECTIVE: Attention-Deficit/Hyperactivity Disorder is a very prevalent disorder in children and adolescents determining important impairments in those affected. This review aims to discuss some clinical and therapeutic dilemmas found by clinical psychiatrists in the treatment of the disorder. METHODS: This is a comprehensive, non-systematic review of the literature addressing the following issues: a differentiation normality/presence of the disorder; b clinical relevance of the age-of-onset of impairment criterion; c frontiers with Bipolar Disorders (BD; d guidelines for treatment when the disorder is associated with comorbidities. RESULTS: Clinical tips

    1. Transtorno de estresse pós-traumático em pacientes de unidade de terapia intensiva Post-traumatic stress disorder in intensive care unit patients

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Andrea Vannini Santesso Caiuby

      2010-03-01

      Full Text Available O transtorno de estresse pós-traumático tem sido descrito em pacientes após tratamento em unidade de terapia intensiva. O objetivo foi revisar estudos sobre os aspectos psicológicos e as intervenções terapêuticas destes pacientes após internação em unidade de terapia intensiva. Trinta e oito artigos foram incluídos. A prevalência de transtorno de estresse pós-traumático variou de 17% a 30% e a incidência de 14% a 24%. Os fatores de risco foram: história prévia de ansiedade, depressão ou pânico, ter memórias traumáticas ilusórias (memórias derivadas de formações psíquicas como sonho e delirium, tempo de ventilação mecânica, experiências estressantes, crenças e comportamentos de característica depressiva. Doses altas de opióides, sintomas na retirada da sedação ou analgesia e o uso de lorazepam foram relacionados ao aumento de delirium e de memória ilusória. A sintomatologia do transtorno pode ser reduzida com a administração de hidrocortisona, com a interrupção diária da sedação e não foram encontrados estudos de efetividade de intervenção psicológica.Post-traumatic stress disorder has been detected in patients after treatment in intensive care unit. The main goal of this study is to review the psychological aspects and therapeutic interventions on those patients after their treatment on intensive care unit. Thirty eight articles have been included. The prevalence of post-traumatic stress disorder has varied from 17% up to 30% and the incidence from 14% to 24%. The risk factors were: previous anxiety historic, depression or panic, having delusional traumatic memories (derived from psychic formations as dreams and delirium, belief effects, depressive behavior, stressing experiences and mechanical ventilation. High doses of opiates, symptoms caused by sedation or analgesia reduction and the use of lorazepam were related with the increase of delirium and delusional memory. The disorder sintomatology

    2. Estudo do Perfil Sociodemográfico e da Prevalência de Transtornos Mentais Menores em Estudante de Turismo da UEMS / Unidade de Dourados

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Daniela Sottili Garcia

      2010-07-01

      Full Text Available Resumo Este estudo teve por objetivos caracterizar o perfil sócio-demográfico, estimar a prevalência de Transtornos Mentais Menores (TMM e verificar a associação de algumas variáveis sociodemográficas com os TMM na população de estudantes universitários dos cursos de Turismo da UEMS. Trata-se de um estudo transversal em uma amostra de 236 sujeitos: 163 (69% do sexo feminino e 73 (31% do sexo masculino. Utilizaram-se dois questionários auto-aplicáveis (QSG-60 e QDSD. O perfil sociodemográfico mostrou, em sua maioria, uma população jovem, com idade entre 18 e 21 anos, solteira, com renda familiar mensal de R$ 1.000,00, residindo com a família, utilizando o ônibus como meio locomoção e feminina. A prevalência de TMM foi de 14%, destacando-se, como transtorno principal, o estresse psíquico (16%, seguido por desconfiança no desempenho (15% e distúrbios do sono (13%. Palavras-chave: estudante universitário; transtornos mentais menores; QSG-60. Abstract This study had the objectives to characterize the socio-demographic profile, and to estimate the prevalence of the Minor Mental Disorders (MMD and to verify the association from some socio-demographic variable with the MMD in the people of undergraduate students of the Tourism course of UEMS. It is a transverse study in a sample of 236 people: 163 (69% female and 73 (31% male. It was used two self-explanatory questioners (QSG-60 and QDSD. The socio-demographic profile showed, a young population, between 18 and 21 years old, bachelor, with a familiar income of R$ 1.000,00, living with the family, and using the bus as transportation and female. The prevalence of MMD was 14%, distinguishing, as a main disorder, the psycho stress (16%, followed by suspicion of acting (15% and sleepiness disturbs (13%. Keywords: Undergraduate Student; Minor Mental Disorders; GHQ-60.

    3. Transtorno de estresse pós-traumático e depressão maior Posttraumatic stress disorder and major depression

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Marcelo T Berlim

      2003-06-01

      Full Text Available Estudos epidemiológicos indicam, claramente, que o transtorno de estresse pós-traumático (TEPT está se tornando um importante problema de saúde em termos globais, ainda que continue sendo pouco diagnosticado e tratado de forma inapropriada. O TEPT comumente ocorre em comorbidade com outros transtornos psiquiátricos, especialmente com a depressão maior. Entretanto, a relação entre esses transtornos e o tratamento dessa complexa entidade clínica apenas recentemente passou a receber atenção da literatura especializada. Alguns autores argumentaram que elas são duas entidades distintas, enquanto outros defenderam a hipótese de que a alta prevalência dessa comorbidade pode representar um artefato derivado dos critérios diagnósticos atualmente utilizados. Com relação ao tratamento do TEPT comórbido com depressão maior, os dados disponíveis na literatura são insuficientes e não apontam para nenhuma abordagem específica, embora alguns ensaios clínicos pequenos tenham relatado a utilidade da combinação de inibidores seletivos da recaptação da serotonina com terapia cognitiva.Epidemiological studies clearly indicate that posttraumatic stress disorder (PTSD is becoming a major health concern worldwide even if still poorly recognized and not well treated. PTSD commonly co-occurs with other psychiatric disorder, especially with major depression. However, the relationship between these disorders and the treatment of this complex clinical entity are only now being addressed in the specialized literature. Some authors argued that they are two distinct entities, whereas others defended the hypothesis that the high prevalence of this comorbidity may represent an artifact derived from the diagnostic criteria currently used. Regarding the treatment of PSTD comorbid with major depression, the available data from controlled studies are insufficient to point out for a specific approach, although some small trials reported the usefulness of

    4. Transtorno da excitação genital persistente: uma revisão da literatura Persistent genital arousal disorder: a literature review

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Valeska Martinho Pereira

      2010-01-01

      Full Text Available OBJETIVO: Realizar uma revisão da literatura sobre o transtorno da excitação genital persistente (TEGP, um quadro clínico que acomete somente mulheres, recentemente descrito na literatura, caracterizado por sinais fisiológicos de excitação sexual sem a presença de desejos ou estímulos sexuais. MÉTODOS: Foi realizada revisão sistemática com busca nas bases científicas PubMed, ISI, SciELO e PsycInfo. Do total de artigos encontrados, 27 foram selecionados para integrar esta revisão. RESULTADOS: Os artigos, em sua maioria, são relatos de casos. Apesar de algumas hipóteses diagnósticas terem sido propostas, ainda não existe consenso sobre etiologia, fatores de risco e epidemiologia desse transtorno. A literatura aponta para uma correlação positiva entre a presença do transtorno e quadros depressivos, ansiosos e sintomas obsessivo-compulsivos. CONCLUSÃO: Há necessidade de estudos mais amplos para o melhor entendimento desse quadro clínico. É possível que muitos casos passem despercebidos pelos profissionais de saúde por desconhecimento dos critérios diagnósticos.OBJECTIVE: To review the literature on persistent genital arousal disorder, a clinical syndrome that affects only women, recently described in the literature, characterized by symptoms of physiological arousal in the absence of desire or sexual stimulation. METHODS: We performed a systematic review and search of the scientific basis PubMed, ISI, SciELO and PsycInfo. Of the total number of articles found, 27 were selected to incorporate this review. RESULTS: Most articles are reports of cases. Although some diagnostic hypotheses have been proposed, there is no consensus yet on the etiology, risk factors, and epidemiology of the disorder. The literature suggests a positive relationship between the presence of the disorder and depression, anxiety and obsessive-compulsive symptoms. CONCLUSIONS: There is a need for further studies for better understanding of this

    5. Adaptação de protocolos invasivos e não invasivos para avaliações aeróbias e anaeróbias específicas ao basquetebol feminino

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Bruno Ferreira Camargo

      2013-06-01

      Full Text Available OBJETIVO: Adaptar os protocolos de velocidade crítica (Vcrit, RAST Test e Lactato Mínimo (LM à especificidade do basquetebol feminino. MÉTODOS: Doze basquetebolistas bem treinadas (19 ± 1 anos foram avaliadas pelo modelo velocidade crítica, composto por quatro intensidades (10,8, 12,0, 13,0, 14,5 km/h de corridas "vai-vem" até exaustão, aplicadas em dias alternados. O modelo linear 'velocidade versus 1/tlim' foi adotado para determinação de parâmetros aeróbio (Vcrit e anaeróbio (CCA. O LM foi composto por duas fases: 1 indução hiperlactacidêmica, caracterizada pelo RAST adaptado, e 2 fase progressiva, composta por cinco estágios de 3 minutos em corridas "vai-vem" de 20 m (7 a 12km/h, com coletas de sangue ao final de cada estágio. RESULTADOS: A velocidade (vLM e a concentração do lactato mínimo foram obtidas pelos ajustes polinomiais 'lactato versus intensidade' (LM1 e 'lactato versus tempo' (LM2. A ANOVA one-way, teste t-Student e correlação de Pearson foram utilizados na análise estatística. A Vcrit foi obtida a 10,3 ± 0,2 km/h e a CCA estimada em 73,0 ± 3,4 m. O RAST foi capaz de induzir a hiperlactacidemia e determinar potências máxima (3,6 ± 0,2 W/kg, média (2,8 ± 0,1 W/kg, mínima (2,3 ± 0,1W/kg e o índice de fadiga (30 ± 3%. A vLM1 e vLM2 foram obtidas, respectivamente, a 9,47 ± 0,13 e 9,8 ± 0,13km/h, sendo a vLM1 menor que a Vcrit. CONCLUSÕES: Os resultados sugerem que o modelo específico não invasivo pode ser utilizado para determinar parâmetros aeróbios e anaeróbios de basquetebolistas e, assim como em outras modalidades, a Vcrit superestima as intensidades de LM. Além disso, a adaptação do LM ao basquetebol feminino utilizando o RAST e a fase progressiva em exercício "vai-vem" foi efetiva para avaliar as atletas respeitando a especificidade da modalidade, com elevado percentual de sucesso no ajuste polinomial 'lactato versus tempo'.

    6. Avaliação audiológica comportamental e eletrofisiológica no transtorno do espectro do autismo

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Ana Carla Leite Romero

      2014-06-01

      Full Text Available Objetivo descrever os achados das avaliações audiológicas comportamentais e eletrofisiológicas de pacientes com diagnóstico de transtorno do espectro do autismo. Métodos estudo descritivo, de coorte contemporânea com corte transversal, composto por nove pacientes com diagnóstico de transtorno do espectro do autismo, submetidos a avaliação comportamental e eletrofisiológica da audição. Os resultados foram analisados por meio de estatística descritiva. Resultados todos os pacientes avaliados apresentaram limiares audiométricos dentro dos padrões de normalidade. Oito pacientes apresentaram curva timpanométrica do tipo A, e um do tipo C. Observou-se emissões otoacústicas por produto de distorção presentes em todos os pacientes avaliados. Os resultados do potencial evocado auditivo de tronco encefálico demonstraram integridade das vias auditiva. Conclusão a população estudada apresentou resultados compatíveis com a normalidade tanto na avaliação comportamental como na avaliação eletrofisiológica da audição. Pelo fato de não haver consenso, na literatura especializada, quanto aos achados audiológicos nesta população, principalmente no que se refere à avaliação eletrofisiológica do processamento auditivo, sugere-se a realização de novos estudos.

    7. Genes de suscetibilidade no transtorno de déficit de atenção e hiperatividade Susceptibility genes in attention/deficit hyperactivity disorder

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Tatiana Roman

      2002-02-01

      Full Text Available O transtorno de déficit de atenção e hiperatividade (TDAH é um dos transtornos mais comuns da infância e adolescência, afetando entre 3% a 6% das crianças em idade escolar. Essa patologia caracteriza-se por sintomas de desatenção, hiperatividade e impulsividade, apresentando ainda uma alta heterogeneidade clínica. Embora as causas precisas do TDAH não estejam esclarecidas, a influência de fatores genéticos é fortemente sugerida pelos estudos epidemiológicos, cujas evidências impulsionaram um grande número de investigações com genes candidatos. Atualmente, apesar da ênfase dada a este tópico, nenhum gene pode ser considerado necessário ou suficiente ao desenvolvimento do TDAH, e a busca de genes que influenciam este processo ainda é o foco de muitas pesquisas. O objetivo desse artigo é, portanto, sumarizar e discutir os principais resultados das pesquisas com genes candidatos no TDAH.Attention-deficit/hyperactivity disorder (ADHD is one of the most common psychiatric disorders of childhood and adolescence, affecting 3%-6% of school age children. It is characterized by symptoms of inattention, hyperactivity and impulsivity, showing also a high clinical heterogeneity. Although the precise causes of ADHD are unclear, the influence of genetic factors is strongly suggested by epidemiologic studies, that provide evidences for a large number of investigations with candidate genes. Nowadays, despite the great attention driven to this subject, no gene can be considered as necessary or sufficient to the development of ADHD, and the search for genes that affect this process is still the focus of many investigations. Thus, the objective of this paper is to summarize and discuss the main results on the research with possible susceptibility genes for ADHD.

    8. Dados de epidemiologia descritiva de transtornos mentais em grupos populacionais do Brasil

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Anastácio Ferreira Morgado

      1985-09-01

      Full Text Available Neste trabalho são apresentados três tipos de dados sobre transtornos mentais: taxas de prevalência em amostras representativas, taxas de prevalência em estudos de famílias e o indicador de morbidade proporcional isto é, de proporções por diagnóstico entre pacientes internados em hospitais psiquiátricos do Brasil. Em relação a um inquérito epidemiológico, realizado em amostra representativa, a taxa de prevalência total foi de 20%, da qual 3,0%, 14,6%, 0,7%, 1,7% e 0,5% foram de alcoolismo, neuroses, psicoses, oligofrenia e síndrome orgânica do cérebro, respectivamente. A distribuição por sexo mostrou uma clara e esperada predominância de alcoolismo nos homens e de neuroses nas mulheres. Em um estudo voltado para a família de origem (pais e irmãos de 150 grandes consumidores de drogas, a taxa de prevalência total entre 796 familiares foi de 23,2% As taxas específicas de problemas associados ao álcool, dependência de drogas, psicoses, neuroses, epilepsia, transtorno anti-social da personalidade e outros diagnósticos foram, respectivamente, de 8,4%; 5,3%; 3,1%; 4,0%; 0,8%; 0,9% e 0,8%. Os problemas associados ao álcool predominaram nos pais e neuroses nas mães, enquanto dependência de drogas predominou nos irmãos dos 150 consumidores-índice. O perfil da assistência psiquiátrica brasileira é parcialmente visto através do indicador de proporções de primeiras internações nos hospitais psiquiátricos nacionais. Esse indicador é distribuído por diagnóstico, em série histórica, desde 1940 até 1977. Tais dados mostram que as primeiras internações têm aumentado nas últimas quatro décadas, com maiores proporções dos diagnósticos de esquizofrenia e alcoolismo e dependência de drogas. Há, porém, diferença nas proporções de diagnóstico entre o hospital público e o particular-conveniado; tal diferença e o referido aumento de primeiras internações são de suma importância para os programas da

    9. Psicoterapia em grupo de pacientes com transtorno afetivo bipolar Group psychotherapy for bipolar disorder patients

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Bernardo Carramão Gomes

      2007-01-01

      Full Text Available CONTEXTO: Vem crescendo nos últimos anos o número de estudos com abordagens psicoterápicas no tratamento de pacientes com transtorno afetivo bipolar. Contudo, pouco ainda se sabe sobre o efeito que tem estas abordagens nestes pacientes. OBJETIVO: Avaliar a efetividade da terapia de grupo no tratamento do transtorno afetivo bipolar. MÉTODO: Levantamento bibliográfico no Medline, Lilacs, PubMed e ISI de artigos publicados em língua inglesa no período de 1975 a 2005 e busca manual com base na bibliografia dos artigos selecionados. Foram incluídos apenas os estudos que utilizaram grupo controle, randomizados, com casuística superior a 20 pacientes. RESULTADOS: Foram encontrados somente cinco trabalhos, três deles publicados nos últimos cinco anos. Três utilizaram modelos de psicoeducação, encontrando aumento na adesão ao tratamento farmacológico. Um destes verificou redução no número de hospitalizações e recaídas. Dois estudos combinaram psicoeducação e abordagens psicoterápicas variadas. Destes, um mostrou aumento no período de remissão e redução de sintomas para episódios maníacos. CONCLUSÕES: O interesse por intervenções psicoterápicas baseadas em evidência, no tratamento do TAB, vem aumentando nos últimos anos. Este fato contrasta com o baixo número de estudos dedicados à modalidade de atendimento em grupo, que poderia ser muito útil em instituições onde grande número de pacientes é atendido. A complexidade clínica dessa doença, a presença de diversas comorbidades e os diferentes graus de adesão à farmacoterapia demandam a criação de opções terapêuticas variadas que atendam às necessidades de cada indivíduo. Os estudos indicam que a terapia de grupo pode ser uma opção eficaz de tratamento que merece ser mais bem investigado para permitir sua aplicação na prática clínica.BACKGROUND: In the last years there has been a growing number of studies using psychotherapy approaches in the

    10. Rejuvenecimiento mini-invasivo subgaleal del tercio superior facial: informe preliminar The minimally invasive subgaleal upper facelift: preliminary report

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      W.E. Bukret

      2012-06-01

      Full Text Available El propósito del presente trabajo es presentar nuestro método para rejuvenecimiento del tercio facial superior y comunicar nuestra experiencia inicial. Describimos el abordaje subgaleal a través de mínimas incisiones y el método de fijación. En el período comprendido entre febrero del 2008 y abril del 2010 fueron intervenidos un total de 21 pacientes, 17 mujeres y 4 varones de entre 39 y 62 años de edad. Llevamos a cabo la técnica conjuntamente con cirugía de rejuvenecimiento del tercio medio facial a través de las mismas incisiones temporales en 17 casos, con blefaroplastia superior en 15 casos, con rinoplastia en 6 casos, con liposucción de cuello en 1 caso y con ritidectomía completa de cara y cuello en 9 casos. La técnica de rejuvenecimiento facial incluyó 4 ó 5 incisiones mínimas en el cuero cabelludo, despegamiento subgaleal amplio, miotomías selectivas de los músculos depresores, anclaje del músculo frontal con suturas percutáneas a una malla de polipropileno cubierta con periostio frontal y sutura de la fascia temporal superficial a la fascia temporal profunda. La media de seguimiento de los pacientes fue de 14 meses (intervalo de 3 a 26 meses. Los signos de envejecimiento se redujeron significativamente y los pacientes expresaron un alto grado de satisfacción en la mayoría de los casos. Las complicaciones fueron menores y transitorias. En conclusión, el abordaje subgaleal mini-invasivo del tercio superior facial es un procedimiento de rejuvenecimiento que da excelentes resultados, con complicaciones menores y transitorias. Creemos necesarios más estudios para determinar su eficacia a largo plazo.The aims of this article are to describe our method for rejuvenation of the upper third of the face, and communicate our initial experience; we describe the subgaleal approach through minimal incisions and our fixation method. A total of 21 patients, 17 women and 4 men between 39 and 62 years old, underwent surgery

    11. Diretrizes da World Federation of Societies of Biological Psychiatry (WFSBP para tratamento biológico de transtornos depressivos unipolares, 1ª parte: tratamento agudo e de continuação do transtorno depressivo maior World Federation of Societies of Biological Psychiatry (WFSBP Guidelines for biological treatment of unipolar depressive disorders, part 1: acute and continuation treatment of major depressive disorder

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Michael Bauer

      2009-01-01

      Full Text Available Estas diretrizes práticas para o tratamento biológico de transtornos depressivos unipolares foram desenvolvidas por uma Força-Tarefa internacional da Federação Mundial de Sociedades de Psiquiatria Biológica (WFSBP. O objetivo ao desenvolver tais diretrizes foi rever sistematicamente todas as evidências existentes referentes ao tratamento de transtornos depressivos unipolares e produzir uma série de recomendações práticas com significado clínico e científico, baseadas nas evidências existentes. Têm como objetivo seu uso por todos os médicos que atendam e tratem pacientes com essas afecções. Os dados usados para o desenvolvimento das diretrizes foram extraídos primariamente de várias diretrizes e painéis nacionais de tratamento para transtornos depressivos, bem como de metanálises e revisões sobre a eficácia dos antidepressivos e outras intervenções de tratamento biológico identificadas por uma busca no banco de dados MEDLINE e Cochrane Library. A literatura identificada foi avaliada quanto à força das evidências sobre sua eficácia e, então, categorizada em quatro níveis de evidências (A a D. Esta primeira parte das diretrizes abrange definição, classificação, epidemiologia e evolução dos transtornos depressivos unipolares, bem como tratamento das fases aguda e de manutenção. As diretrizes se referem primariamente ao tratamento biológico (incluindo antidepressivos, outros medicamentos psicofarmacológicos e hormonais, eletroconvulsoterapia, fototerapia, estratégias terapêuticas complementares e novas de adultos jovens e também, embora em menor grau, de crianças, adolescentes e adultos idosos.These practice guidelines for the biological treatment of unipolar depressive disorders were developed by an international Task Force of the World Federation of Societies of Biological Psychiatry (WFSBP. The goal for developing these guidelines was to systematically review all available evidence pertaining to the

    12. Associação entre a presença da proteína p53 e o grau de diferenciação em carcinomas ductais invasivos de mama Association of p53 protein expression and degree of differentiation in infiltrating ductal breast carcinomas

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Márcia Sanae Siroma

      2006-05-01

      Full Text Available OBJETIVO: avaliar a expressão da proteína p53 no carcinoma de mama ductal invasivo e avaliar a sua associação com o grau histológico e o grau nuclear. MÉTODOS: foram incluídas sessenta e cinco mulheres atendidas consecutivamente, entre julho de 1999 e julho de 2001. Todas tiveram diagnóstico de carcinoma primário de mama ductal invasivo. As pacientes foram primeiramente tratadas por terapia cirúrgica conservadora ou mastectomia. Nenhuma paciente recebeu terapia neoadjuvante. Os espécimes cirúrgicos dos tumores foram fixados em formalina a 10%, posteriormente incluídos em parafina e conservados para análise imuno-histoquimica. A expressão da proteína p53 foi avaliada. Foi utilizado o anticorpo primário monoclonal anti-humano p53 DO - 7 (DAKO. As distribuições das freqüências foram avaliadas pelo teste do chi2. O valor pPURPOSE: to assess p53 protein expression in infiltrating ductal breast carcinoma and to analyze its association with histological and nuclear grade. METHODS: sixty-five consecutive females who were diagnosed with primary infiltrating ductal breast tumor from July 1999 to July 2001 were included in the present study. Mean patient age at diagnosis was 69.2 years (range 41 - 90. All patients were first treated with surgical therapy, conservative surgery or mastectomy. None of the patients received any preoperative adjuvant therapy. Resected breast tumor specimens were fixed in 10% formalin, paraffin embedded, and conserved for immunohistochemical analysis. p53 protein expression was evaluated. Primary monoclonal anti-human p53 antibody DO-7 (DAKO was used. Frequency distributions were tested by the chi2 test. A level of p<0,05 was considered significant. RESULTS: p53 expression was detected in 24 (36,9% of 65 carcinomas. Of the cases with protein expression, 13 (54,2% were high or histological grade III, 8 (33,3%, were grade II, 3 (12,5% were grade I. On nuclear grade analysis, of the cases with protein

    13. Prevalência de transtornos psiquiátricos em jovens infratores na cidade do Rio de Janeiro (RJ, Brasil: estudo de gênero e relação com a gravidade do delito Prevalence of psychiatric disorders in juvenile offenders in the city of Rio de Janeiro (RJ, Brazil

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Renata Candido de Andrade

      2011-04-01

      Full Text Available Cresce no Brasil a prevalência de jovens infratores, principalmente do gênero feminino. A literatura aponta para prevalências aumentadas de transtornos mentais entre esses jovens em vários países, mas no Brasil faltam estudos. O objetivo é avaliar a prevalência de transtornos mentais em adolescentes sob medida socioeducativa, considerando como hipótese sua diferença entre gêneros com base no tipo de delito cometido. O instrumento usado foi o K-SADS-PL. Como resultados, alta prevalência de transtornos psiquiátricos entre adolescentes infratores, sendo os mais prevalentes: transtorno de déficit de atenção com hiperatividade (33%, transtorno da conduta (77%, transtorno desafiador opositivo (50%, transtornos de ansiedade (70%, transtorno depressivo (50%, abuso de drogas ilícitas (70% e abuso de álcool (52%. O abuso de álcool aumentou em 2,4 vezes a chance de um adolescente cometer delito violento. Esses dados sugerem às autoridades em saúde pública que tanto a detecção quanto o tratamento precoce de transtornos psiquiátricos na infância podem ajudar na prevenção de atos infratores. Sugerem também que o tratamento em saúde mental dos jovens sob custódia da lei deve ser parte fundamental da recuperação e da ressocialização deles.The prevalence of juvenile offenders in Brazil, mainly among young females, is on the increase. The literature on this issue indicates an increased incidence of mental disorders among young offenders in several countries, though studies in Brazil are lacking. The aim of this article is to study the prevalence of mental disorders in adolescents from a socio-educational standpoint, taking as a hypothesis the gender difference and the type of offense committed. The instrument used was the K-SADS-PL. As results, we found a high prevalence of psychiatric disorders among juvenile offenders, the most common being: attention deficit hhyperactivity disorder (33.3%; behavioral disorder (77

    14. Comorbidade entre o transtorno de déficit de atenção/hiperatividade e o abuso e dependência de álcool e outras drogas: evidências por meio de modelos animais Comorbidity between attention deficit/hyperactivity disorder and substance use disorders: evidence from animal models

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Leandro F. Vendruscolo

      2010-01-01

      Full Text Available OBJETIVO: Descrever algumas teorias recentes sobre a comorbidade entre o transtorno de déficit de atenção/hiperatividade e os transtornos relacionados ao abuso e dependência de álcool e outras drogas, e discutir a utilidade de um modelo animal de transtorno de déficit de atenção/ hiperatividade, os ratos espontaneamente hipertensos, para o estudo da comorbidade entre transtorno de déficit de atenção/hiperatividade e abuso e dependência de álcool e outras drogas. MÉTODO: Compilação dos principais estudos comportamentais investigando o efeito de drogas de abuso em ratos espontaneamente hipertensos. RESULTADOS E DISCUSSÃO: Os ratos espontaneamente hipertensos, além de apresentarem as principais características do transtorno de déficit de atenção/hiperatividade (impulsividade, hiperatividade e déficit de atenção, parecem ser mais sensíveis a psicoestimulantes, canabinoides e opioides e bebem grandes quantidades de álcool. Além disso, o tratamento repetido destes ratos com metilfenidato (droga psicoestimulante de escolha para o tratamento do transtorno de déficit de atenção/hiperatividade ou a exposição continua a ambientes lúdicos durante a adolescência resultou, respectivamente, em aumento ou diminuição no consumo de álcool na idade adulta, enfatizando que fatores ambientais podem tanto favorecer como conferir resistência à comorbidade transtorno de déficit de atenção/hiperatividade e abuso e dependência de álcool e outras drogas. Apesar dos estudos estarem em fase inicial nesta área, a linhagem de ratos espontaneamente hipertensos parece ser um modelo promissor para o estudo da comorbidade frequentemente observada entre transtorno de déficit de atenção/hiperatividade e abuso e dependência de álcool e outras drogas.OBJECTIVE: To describe some recent theories regarding the comorbidity between attention deficit/hyperactivity disorder and substance use disorders and discuss the utility of using

    15. Comorbidade entre o transtorno de déficit de atenção/hiperatividade e o abuso e dependência de álcool e outras drogas: evidências por meio de modelos animais Comorbidity between attention deficit/hyperactivity disorder and substance use disorders: evidence from animal models

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Leandro F. Vendruscolo

      2011-06-01

      Full Text Available OBJETIVO: Descrever algumas teorias recentes sobre a comorbidade entre o transtorno de déficit de atenção/hiperatividade e os transtornos relacionados ao abuso e dependência de álcool e outras drogas, e discutir a utilidade de um modelo animal de transtorno de déficit de atenção/hiperatividade, os ratos espontaneamente hipertensos, para o estudo da comorbidade entre transtorno de déficit de atenção/hiperatividade e abuso e dependência de álcool e outras drogas. MÉTODO: Compilação dos principais estudos comportamentais investigando o efeito de drogas de abuso em ratos espontaneamente hipertensos. RESULTADOS E DISCUSSÃO: Os ratos espontaneamente hipertensos, além de apresentarem as principais características do transtorno de déficit de atenção/hiperatividade (impulsividade, hiperatividade e déficit de atenção, parecem ser mais sensíveis a psicoestimulantes, canabinoides e opioides e bebem grandes quantidades de álcool. Além disso, o tratamento repetido destes ratos com metilfenidato (droga psicoestimulante de escolha para o tratamento do transtorno de déficit de atenção/hiperatividade ou a exposição contínua a ambientes lúdicos durante a adolescência resultou, respectivamente, em aumento ou diminuição no consumo de álcool na idade adulta, enfatizando que fatores ambientais podem tanto favorecer como conferir resistência à comorbidade transtorno de déficit de atenção/hiperatividade e abuso e dependência de álcool e outras drogas. Apesar dos estudos estarem em fase inicial nesta área, a linhagem de ratos espontaneamente hipertensos parece ser um modelo promissor para o estudo da comorbidade frequentemente observada entre transtorno de déficit de atenção/hiperatividade e abuso e dependência de álcool e outras drogas.OBJECTIVE: To describe some recent theories regarding the comorbidity between attention deficit/hyperactivity disorder and substance use disorders and discuss the utility of using

    16. Behaviorial inhibition and history of childhood anxiety disorders in Brazilian adult patients with panic disorder and social anxiety disorder Comportamento inibido e história de transtornos de ansiedade na infância em pacientes brasileiros adultos com transtorno do pânico e transtorno de ansiedade social

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Luciano Rassier Isolan

      2005-06-01

      Full Text Available PURPOSE: To evaluate the presence of behavioral inhibition and anxiety disorders during childhood in Brazilian adult patients with panic disorder and social anxiety disorder compared to a control group. METHODS: Fifty patients with panic disorder, 50 patients with social anxiety disorder, and 50 control subjects were included in the study. To assess the history of childhood anxiety, the Schedule for Affective Disorders and Schizophrenia for School Age Children, Epidemiologic Version (K-SADS-E, and the Diagnostic Interview for Children and Adolescents-Parent Version (DICA-P were used. The presence of behavioral inhibition in childhood was assessed by the self-reported scale of Behavioral Inhibition Retrospective Version (RSRI-30. RESULTS: Patients showed significantly higher prevalence of anxiety disorders and behavioral inhibition in childhood compared to the control group. Patients with social anxiety disorder also showed significantly higher rates of avoidance disorder (46% vs. 18%, p = 0.005, social anxiety disorder (60% vs. 26%, p = 0.001, presence of at least one anxiety disorder (82% vs. 56%, p = 0.009 and global behavioral inhibition (2.89 ± 0.61 vs. 2.46 ± 0.61, p OBJETIVOS: Avaliar a presença de história de comportamento inibido e de transtornos de ansiedade na infância em pacientes brasileiros adultos com transtorno do pânico e com transtorno de ansiedade social, comparando-os com um grupo controle. MÉTODOS: Cinqüenta pacientes com transtorno do pânico, 50 com transtorno de ansiedade social e 50 controles participaram do estudo. Para avaliar a presença de história de ansiedade na infância foi utilizada a Escala para Avaliação de Transtornos Afetivos e Esquizofrenia para Crianças em Idade Escolar - Versão Epidemiológica (K-SADS-E e o Diagnostic Interview for Children and Adolescents-Parent Version (DICA-P. A presença de comportamento inibido na infância foi avaliada através da Escala Auto-Aplicativa de Comportamento

    17. Notas sobre a história oficial do transtorno do déficit de atenção/hiperatividade TDAH

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Luciana Vieira Caliman

      Full Text Available Este artigo constrói inicialmente uma cartografia dos discursos históricos do diagnóstico do Transtorno do Déficit de Atenção/Hiperatividade (TDAH. Em seguida, dois momentos-chave da história oficial do diagnóstico são analisados: as descrições do médico inglês George Still, de 1902, e a síndrome da encefalite letárgica, na primeira metade do século XX. Em tais análises, é dado relevo aos elementos morais e políticos da história oficial do TDAH - eles fazem parte dos níveis mais profundos da constituição do diagnóstico do TDAH que não são explicitados pelo discurso médico-científico. As diferentes versões históricas destacadas e os elementos revelados e ocultados pela história oficial são vistos como parte da constituição do diagnóstico do TDAH. Juntos, eles formam a história do TDAH com todas as suas polêmicas e controvérsias.

    18. INCLUSÃO ESCOLAR DE CRIANÇAS COM TRANSTORNO DO ESPECTRO AUTISTA: UMA REVISÃO SISTEMÁTICA DA LITERATURA

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Cristiane Soares Cabral

      Full Text Available RESUMO: Este estudo teve como objetivo realizar uma revisão sistemática da literatura nacional e internacional quanto a artigos de periódicos científicos sobre a inclusão escolar de crianças com Transtorno do Espectro Autista (TEA, atentando-se para o período e o periódico, os temas investigados e suas metodologias. Foram localizados 25 estudos nacionais, nas bases LILACS, BVS, SCIELO e Portal de Periódicos da CAPES, publicados entre 1998 e 2014, e 92 internacionais, localizados nas bases EBSCOhost e Medline, publicados entre 1993 e 2013. As pesquisas nacionais e internacionais foram agrupadas de acordo com os temas de investigação e os seus objetivos. A maioria dos estudos localizados caracterizou-se como empírico e de abordagem qualitativa. De modo geral, a revisão da literatura realizada possibilitou o resgate de experiências sobre a inclusão escolar de crianças com TEA, além de esboçar um breve panorama dos principais temas que estão sendo investigados.

    19. Grupo de psicoeducação no transtorno afetivo bipolar: reflexão sobre o modo asilar e o modo psicossocial

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Sarita Lopes Menezes

      2011-08-01

      Full Text Available O Transtorno Afetivo Bipolar (TAB, conhecido por sua cronicidade, complexidade e altos índices de morbidade e mortalidade, é uma das principais causas de incapacitação no mundo. Há evidências crescentes de que seu curso pode ser modificado por abordagens psicoterápicas como a psicoeducação, que promove o aumento do funcionamento social e ocupacional, bem como da capacidade de manejarem situações estressantes. Trata-se de um relato de experiência sobre um grupo de psicoeducação para familiares e portadores de TAB, sendo esse pautado pela reflexão dos componentes do paradigma das práticas em saúde mental. A reflexão sobre os modos asilar e psicossocial quanto às concepções de objeto e modo de trabalho, possibilitou situar o grupo no modo psicossocial, pois o conhecimento e a vivência experimentados favorecem a autonomia dos sujeitos, que têm maiores chances de se posicionarem frente às dificuldades que lhes sobrevêm na sua existência-sofrimento.

    20. Implicações de um grupo de Psicoeducação no cotidiano de portadores de Transtorno Afetivo Bipolar

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Sarita Lopes Menezes

      2012-02-01

      Full Text Available Há evidências crescentes de que o curso Transtorno Afetivo Bipolar (TAB pode ser modificado por abordagens psicoterápicas, tais como a Psicoeducação. Assim, o objetivo deste trabalho foi identificar as implicações do grupo de Psicoeducação no cotidiano dos portadores. Para tanto, optou-se pelo estudo qualitativo, do tipo Estudo de Caso. Foram incluídos doze portadores de TAB que tiveram pelo menos seis participações no Grupo de Psicoeducação desenvolvido na Faculdade de Medicina de São José do Rio Preto (FAMERP. Foram realizadas entrevistas semi-estruturadas, gravadas, transcritas e trabalhadas por meio da Análise Temática. Este estudo demonstrou que tal experiência grupal favoreceu a aquisição de conhecimento; a conscientização da doença e adesão ao tratamento; a realização de mudanças positivas na vida; a possibilidade de ajudar outros portadores a se beneficiarem do aprendizado construído no grupo; a descoberta de outras realidades e estratégias de enfrentamento, obtidas por meio da troca de experiências entre os participantes.

    1. Diagnóstico prenatal no invasivo: Ácidos nucleicos de origen fetal en sangre materna Non invasive prenatal diagnosis: Fetal nucleic acid analysis in maternal blood

      OpenAIRE

      Carla Sesarini; Pablo Argibay; Lucas Otaño

      2010-01-01

      Las técnicas actuales de diagnóstico prenatal de enfermedades génicas y cromosómicas incluyen procedimientos invasivos que conllevan un pequeño, pero significativo, riesgo. Por muchos años se ha estudiado la posibilidad de utilizar células fetales en circulación materna; sin embargo, ha fracasado su implementación clínica debido a su escasez y persistencia luego del parto. Desde hace más de una década se detectó ADN fetal libre en sangre de embarazadas. Este sería de origen placentario e inde...

    2. Relationship between neuropsychological and clinical aspects and suicide attempts in euthymic bipolar patients Relação entre aspectos clínicos e neuropsicológicos e as tentativas de suicídio em pacientes eutímicos com transtorno afetivo bipolar

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Paulo Henrique Paiva de Moraes

      2013-01-01

      Full Text Available Some studies have investigated the possible relationship between suicide attempts and impulsivity in patients with bipolar disorder. The objective of this study was to assess the relationship between neuro-psychological and clinical aspects and suicide behavior in euthymic bipolar patients. The Iowa Gambling Task and the Conner's Continuous Performance Test evaluated impulsivity in 95 euthymic bipolar patients - 42 suicide attempters and 115 normal control participants. A factorial analysis evaluated the adequacy of the instruments. Furthermore, a multiple regression analysis was done in order to develop a model to predict suicide attempts. Our results point to a specific type of impulsivity related to making decisions, lack of planning and borderline personality disorder comorbidity. This type of impulsivity is a risk factor for suicide attempts in patients with bipolar disorder.Alguns estudos investigaram a possível relação entre tentativas de suicídio e impulsividade em pacientes com transtorno bipolar. O objetivo do estudo foi avaliar a relação entre características neuropsicológicas e clínicas e o comportamento suicida em pacientes bipolares eutímicos. Utilizamos o Iowa Gambling Task e o Conner's Continuous Performance Test para avaliar a impulsividade em 95 pacientes eutímicos com transtorno bipolar (42 com tentativas de suicídio e 155 controles normais. Uma análise fatorial avaliou a adequação dos instrumentos e foi criado um modelo para previsão do número de tentativas de suicídio usando regressão linear múltipla. Nossos resultados apontam para um tipo específico de impulsividade relacionada à tomada de decisões, falta de planejamento e para a comorbidade Transtorno de Personalidade Borderline. A impulsividade por não planejamento é um fator de risco para tentativas de suicídio em pacientes com Transtorno Bipolar.

    3. Can psychopharmacological treatment change personality traits in patients with panic disorder? O tratamento psicofarmacológico pode mudar traços de personalidade em pacientes com transtorno do pânico?

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Letícia Kipper

      2009-12-01

      Full Text Available OBJECTIVE: The aim of this study was to evaluate the effects that a particular psychopharmacological treatment has on personality patterns in patients with panic disorder. METHOD: Forty-seven patients with panic disorder and 40 controls were included in the study. The Mini International Neuropsychiatric Interview and Minnesota Multiphasic Personality Inventory were used to assess Diagnostic and Statistical Manual of Mental Disorders, Fourth Edition, diagnoses and personality traits, respectively. Patients were treated with sertraline for 16 weeks. RESULTS: There was a significant decrease in the score on 8 of the 10 Minnesota Multiphasic Personality Inventory scales. In addition, neurotic triad and psychasthenia personality scores were higher among panic disorder patients, even during the posttreatment asymptomatic phase, than among controls. CONCLUSION: In the asymptomatic phase of the disease, panic disorder patients present a particular neurotic/anxious personality pattern. This pattern, although altered in the presence of acute symptoms, could be a focus of research.OBJETIVO: O objetivo do estudo foi avaliar os efeitos do tratamento psicofarmacológico nos padrões de personalidade em pacientes com transtorno do pânico. MÉTODO: Quarenta e sete pacientes com transtorno do pânico e 40 controles foram incluídos no estudo. O Mini International Neuropsychiatric Interview e o Inventário Multifásico Minnesota de Personalidade foram usados para avaliar os diagnósticos do Manual Diagnóstico e Estatístico de Doenças Mentais - Quarta Edição e os traços de personalidade, respectivamente. Os pacientes foram tratados com sertralina por 16 semanas. RESULTADOS: Houve uma diminuição significativa nos escores de 8 das 10 escalas do Inventário Multifásico Minnesota de Personalidade. Adicionalmente, os pacientes com transtorno do pânico apresentaram maiores escores de personalidade da tríade neurótica e de psicastenia quando comparados aos

    4. Um caso de transtorno de personalidade borderline atendido em psicoterapia dinâmica breve

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Cunha Paulo Jannuzzi

      2001-01-01

      Full Text Available Trata-se de um caso de Transtorno de Personalidade Borderline, encaminhado para a área de Psicoterapia Dinâmica Breve (PDB do Centro de Psicologia Aplicada da UNESP - Bauru/SP. O foco delimitado consistiu em trabalhar as características depressivas do paciente, buscando ajudá-lo a elaborar o luto pela perda de sua mãe. A análise deste caso veio corroborar a hipótese de que pacientes com transtorno de personalidade borderline também podem ser beneficiados com a PDB. A peculiaridade desta modalidade de atendimento está relacionada ao estabelecimento de objetivos terapêuticos (foco condizentes com as reais possibilidades e limites de cada paciente.

    5. Síndrome de Ekbom secundária a transtorno orgânico: relato de três casos Secondary Ekbom Syndrome to organic disorder: report of three cases

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Cinthia Janine Meira Alves

      2010-08-01

      Full Text Available A Síndrome de Ekbom, também conhecida como delírio de parasitose ou acarofobia, é um estado fóbico obsessivo no qual o paciente pensa, imagina ou acredita que está infestado por parasitas na pele. Em estado alucinatório, retira fragmentos de pele, identificando-os como parasitas. Pode tratar-se de um quadro psiquiátrico primário ou secundário a outros transtornos orgânicos. Geralmente, esses pacientes demoram a procurar ajuda médica, e o dermatologista, quase sempre, é o primeiro profissional procurado. Descrevemos o caso de três pacientes dos quais apresentaram delírio de parasitose, associados a transtornos orgânicos.The Ekbom syndrome, also known as delusion of parasitosis or acarophobia is an obsessive phobic state in which the patient thinks, imagines or believes that his or her skin is infested by parasites. In the hallucinatory state, he/she removes parts of the skin, identifying them as parasites. It can be primary or secondary to other organic or psychiatric diseases. Generally speaking these patients take a long time to seek for medical support and the dermatologist is almost always the first physician to see them. Here we describe three patients with delusional parasitosis associated with organic disorders.

    6. Repercussões do transtorno disfórico pré-menstrual entre universitárias Effects of premenstrual dysphoric disorder among college students

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Valéria Conceição Passos de Carvalho

      2009-01-01

      Full Text Available INTRODUÇÃO: O transtorno disfórico pré-menstrual (TDPM é uma variante mais grave da síndrome pré-menstrual que apresenta a oscilação do humor como fator mais perturbador e debilitante, repercutindo na qualidade de vida das mulheres em idade reprodutiva. O objetivo deste estudo foi identificar as principais repercussões físicas e emocionais causadas pela TDPM entre universitárias de Fisioterapia. MÉTODO: Estudo do tipo corte transversal, descritivo e analítico, realizado no período de agosto a dezembro de 2008 em 259 universitárias. Os instrumentos utilizados para a realização desta pesquisa foram: um questionário contendo questões socioeconômicas, o Questionário de Sintomas Menstruais (Menstrual Symptom Questionnaire, MSQ, a escala de autoavaliação de síndrome de transtorno pré-menstrual de Steiner e o Questionário de Autoavaliação da Escala de Hamilton para Depressão. A análise estatística foi descritiva e analítica, sendo utilizado o teste qui-quadrado ou o teste exato de Fisher, sendo que todas as conclusões foram tomadas ao nível de significância de 5%. RESULTADOS: Encontramos alta prevalência de repercussões somáticas e emocionais. Através dos sinais e sintomas pesquisados pelo MSQ entre as portadoras de TDPM, observou-se uma associação do transtorno com os sintomas depressivos (p = 0,048. Os demais sintomas como ansiedade, labilidade de humor, sintomas somáticos, habilidade para realizar tarefas e dor não apresentaram correlação. CONCLUSÃO: O TDPM provocou desconforto físico e emocional e revelou uma correlação significativa com os sintomas depressivos, sugerindo tratar-se de uma expressão clínica de transtorno de humor.INTRODUCTION: Maternal premenstrual dysphoric disorder (PMDD is a severe variant of premenstrual syndrome in which mood swings is the most disturbing and debilitating symptom, affecting the quality of life of women of reproductive age. The objective of this study was to

    7. Transtornos mentais, qualidade de vida e identidade em homossexuais na maturidade e velhice Mental disorders, quality of life and identity in middle-age and older homosexual adults

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Alex de Toledo Ceará

      2010-01-01

      Full Text Available CONTEXTO: Em nossa sociedade, sujeitos de orientação homossexual (SOHom têm sido expostos de maneira incisiva a atitudes de discriminação e preconceito. OBJETIVO: Investigar as dimensões saúde mental, qualidade de vida e identidade psicossocial em homossexuais na maturidade e na velhice. MÉTODO: Os sujeitos foram captados pela estratégia "bola de neve". Foram utilizados procedimentos quantitativos e qualitativos com os instrumentos: MINI Plus, WHOQOL-bref, e entrevistas semiestruturadas por meio do inventário de identidade psicossocial. Foram entrevistados 40 SOHom (grupo de estudo, comparando-os a 40 sujeitos de orientação heterossexual (SOHet (grupo contraste, pareados individualmente por gênero, idade, escolaridade e classe social. RESULTADOS: Verificou-se maior frequência de transtornos mentais no grupo de estudo com 15 (37,5% casos, em comparação ao grupo contraste, com oito (20%. O risco de suicídio estava presente em três (7,5% participantes do grupo de estudo. Dos sujeitos no grupo de estudo com algum transtorno mental, 11 (73,3% não revelavam a orientação homossexual em áreas significativas de sua vida (p = 0,00001. Os sujeitos homossexuais apresentaram melhor qualidade de vida no domínio social em comparação aos heterossexuais. CONCLUSÃO: Os sujeitos homossexuais desta pesquisa revelaram, na maturidade e na velhice, maior frequência de transtornos mentais, porém melhor qualidade de vida. É possível que a homofobia internalizada possa estar associada a dificuldades psicossociais. Sendo assim, pode-se sugerir que a não revelação da homossexualidade e o esforço no curso da vida em ocultá-la talvez representem fatores associados à maior ocorrência de transtornos mentais.BACKGROUND: In our society subjects with homosexual orientation have been strongly exposed to attitudes of discrimination and prejudice. OBJECTIVE: To investigate the mental health, life quality and psychosocial identity dimensions in

    8. Problemas conjugais e outros fatores associados a transtornos psiquiátricos do pós-parto Marital problems and other factors associated with postpartum psychiatric disorder

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Suzi Roseli Kerber

      2011-06-01

      Full Text Available OBJETIVO: Estudar a associação entre transtornos mentais pós-parto e fatores demográficos e psicossociais, pré e perinatais. MÉTODOS: Todas as familias com crianças de quatro meses da Vila Jardim - Porto Alegre (RS - nascidos entre novembro de 1998 e dezembro de 1999 foram avaliadas. Utilizou-se o Self Report Questionnaire (SRQ-20 e entrevistas clínicas semiestruturadas individuais e do casal para fundamentar uma hipótese diagnóstica segundo os critérios do da quarta edição do Manual Diagnóstico e Estatístico de Transtornos Mentais (DSM-IV. Realizou-se a avaliação da relação conjugal e do relacionamento da mãe com as famílias de origem e a rede social utilizando-se a Escala de Avaliação Global do Funcionamento Relacional (GARF. RESULTADOS: Foram avaliadas 148 mães e os 116 pais que coabitavam. Segundo o SRQ, 34,4% das mães e 25,4% dos pais apresentaram suspeita de transtorno psiquiátrico. Clinicamente os percentuais foram maiores. Coabitar ou não com companheiro não esteve associado com transtorno mental materno. Na análise da totalidade do grupo de mulheres, estiveram associados: baixa renda familiar (OR=0,8; pPURPOSE: To study the association between postpartum psychiatric disorder and demographic and psychosocial, pre- and perinatal factors. METHODS: All families having 4-month-old infants in Vila Jardim, a district of Porto Alegre, Brazil, born at a public hospital from November 1998 through December 1999 were assessed. The Self-Report Questionnaire (SRQ-20 and semi-structured interviews were used for the psychiatric assessment that included a possible diagnosis using Diagnostic and Statistical Manual of Mental Disorders IV (DSM- IV criteria. Relational functioning between couples, the relationship with mother's family of origin and social network were assessed using the DSM-IV Global Assessment of Relational Functioning Scale (GARF. RESULTS: A total of 148 mothers and 116 cohabiting fathers were assessed

    9. Fisiopatologia do transtorno afetivo bipolar: o que mudou nos últimos 10 anos? Physiopathology of bipolar disorders: what has changed in the last 10 years?

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Flávio Kapczinski

      2004-10-01

      Full Text Available Apesar dos crescentes esforços para o entendimento da neurobiologia do transtorno afetivo bipolar (TAB, sua exata fisiopatologia permanece indeterminada. Inicialmente, a pesquisa estava voltada para o estudo das aminas biogênicas, devido aos efeitos dos diversos agentes psicofarmacológicos. Mais recentemente, evidências apontam que disfunções nos sistemas de sinalização intracelular e de expressão gênica podem estar associadas ao TAB. Estas alterações podem estar associadas a interrupções nos circuitos reguladores do humor, como sistema límbico, estriado e córtex pré-frontal, sendo que os efeitos neuroprotetores do uso crônico dos estabilizadores de humor podem reverter este processo patológico. Este artigo tem como objetivo trazer uma atualização dos achados recentes sobre a neuroquímica do TAB.Despite recent efforts to understand the neurobiology of Bipolar Disorder (BD, the exact pathophysiology remains undetermined. Due to the effects of various psychopharmacological agents, initial research focused on the study of biogenic amines. Recent evidence has shown that dysfunction in intracellular signaling systems and gene expression may be associated with BD. These alterations may cause interruptions in mood regulating circuits such as the limbic system, striatum and prefrontal cortex, and the neuroprotective effects of mood stabilizers may reverse this pathological process. This study aims to update the recent findings relative to the neurochemistry of BD.

    10. Etnobotânica de espécies vegetais medicinais no tratamento de transtornos do sistema gastrointestinal

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      M.A.F. GOIS

      Full Text Available RESUMO O estudo objetivou selecionar na comunidade Rio Urubueua de Fátima, Abaetetuba-Pará, as espécies vegetais utilizadas no tratamento de transtornos do sistema gastrointestinal, em determinado contexto de uso, associado a um conhecimento construído localmente. A pesquisa foi realizada com 35 informantes entre 28 e 93 anos, selecionados pelo método bola de neve. Os dados foram obtidos por observação participante e entrevistas semiestruturadas. Para a importância relativa das espécies vegetais, calculou-se a porcentagem de concordância quanto aos usos principais (CUP e concordância quanto aos usos principais corrigida (CUPc. Os interlocutores indicaram várias receitas terapêuticas, e, destas, foram escolhidas as mais empregadas no tratamento da diarreia, por ser doença recorrente na comunidade. Foi investigado o potencial químico das plantas por meio de literatura científica e bancos de dados. “Boldo” e “Anoerá” apresentaram valor máximo de CUP (100%, enquanto a “Hortelã” obteve maior CUPc (87,5%. Das 79 espécies vegetais empregadas como medicinais, nove estão na lista do SUS. Os remédios são preparados exclusivamente sob a forma de chá, sendo a folha a parte da planta mais utilizada (65%. Para o tratamento de diarreia, 12 espécies utilizadas pelos interlocutores têm compostos químicos comprovados por literatura especializada. A comunidade de Rio Urubueua de Fátima faz uso das plantas medicinais para curar doenças, apropriando-se de conhecimentos obtidos, na maioria dos relatos, de seus antepassados. Estes saberes tradicionais contribuem no conhecimento cultural da região e na pesquisa e desenvolvimento de novos fármacos.

    11. Preditores não invasivos de varizes esofágicas em crianças e adolescentes com hepatopatia crônica ou obstrução extra-hepática da veia porta

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Roberta V. Alcantara

      2012-08-01

      Full Text Available OBJETIVO: Identificar preditores não invasivos de varizes esofágicas em crianças e adolescentes com hepatopatia crônica ou obstrução extra-hepática da veia porta. PACIENTES E MÉTODOS: Estudo transversal que incluiu 53 crianças e adolescentes com hepatopatia crônica ou obstrução extra-hepática da veia porta, sem antecedente de hemorragia digestiva ou tratamento de varizes esofágicas, com até 20 anos de idade. Dois grupos foram formados: grupo I (35 pacientes com hepatopatia crônica e grupo II (18 com obstrução extra-hepática da veia porta. Foram realizados hemograma, razão normalizada internacional, albumina, bilirrubina total, ultrassonografia de abdome e endoscopia digestiva alta. O índice esplênico foi determinado dividindo a dimensão esplênica pelo valor do limite superior da normalidade. As variáveis foram comparadas quanto à presença ou não de varizes esofágicas através de análise univariada (testes qui-quadrado, exato de Fischer e de Wilcoxon e multivariada (regressão logística. A acurácia foi determinada a partir da área sob a curva ROC. RESULTADOS: As varizes esofágicas foram observadas em 48,5% dos pacientes do grupo I e em 83,3% do grupo II. Plaquetopenia (p = 0,0015, esplenomegalia (p = 0,0003 e a razão plaquetas/índice esplênico (p = 0,0007 se mostraram indicadores preditivos de varizes esofágicas entre os pacientes do grupo I. Após análise multivariada, a plaquetopenia (odds ratio = 21,7 se manteve como um indicador independente da presença de varizes esofágicas entre os pacientes com hepatopatia crônica. CONCLUSÃO: O número de plaquetas, o índice esplênico e a razão plaquetas/índice esplênico se mostraram preditivos de varizes esofágicas em crianças e adolescentes com hepatopatia crônica. Não foram encontrados preditores de varizes esofágicas entre os pacientes com obstrução extra-hepática da veia porta.

    12. Ressecção alargada para o adenocarcinoma colorretal localmente invasivo: relato de caso e revisão da literatura Enlarged resection for locally advanced colorectal adenocarcinoma: case report and literature review

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Sergio Henrique Couto Horta

      2009-03-01

      Full Text Available O câncer colorretal localmente invasivo, que acomete por contiguidade estruturas adjacentes e sem metástases à distância, ocorre de 5 a 18% dos casos. São adequadamente tratados com ressecção do tumor e órgãos comprometidos em monobloco e margens livres. É relatado o caso de paciente de 27 anos, masculino, portador de adenocarcinoma de retossigmóide com extensa invasão para bexiga e ceco. Tratado com colectomia total, cistectomia radical em monobloco e ileostomia. O trânsito urinário foi reconstituído com reservatório ileal e anastomose com a uretra prostática. O estudo anátomo-patológico da peça cirúrgica revelou adenocarcinoma moderadamente diferenciado, invasão perineural e invasão da parede da bexiga (T4, N0. Realizou no pós-operatório quimioterapia adjuvante, 6 ciclos, com 5-Fluorouracil e ácido folínico. Após 36 meses de seguimento, o paciente encontra-se livre de doença neoplásica, função urinária preservada, porém com ejaculação retrógrada.The locally advanced colorectal cancer compromises adjacent structures and do not disseminate distant metastasis, occur in 5 to 18% of patients. It is properly treated with tumour resection as well as other compromised organs in an "en bloc" resection with free margins. We report a 27 year old, male patient with colorectal adenocarcinoma invading the urinary bladder and cecum. He was treated with total colectomy associated with radical cistectomy and ileostomy. The urinary transit was established building an ileal reservatory anastomosed to the urethra. The tumour histopathologic study showed adenocarcinoma moderate differentiated, invading urinary bladder (T4N0. Postoperative treatment was 5-fluorouracil and folinic acid chemotherapy. After 36 months of outcome, patient is improving and preserves urinary function but has ejaculatory dysfunction.

    13. Psychodramatic psychotherapy combined with pharmacotherapy in major depressive disorder: an open and naturalistic study Psicoterapia psicodramática combinada ao tratamento medicamentoso no transtorno depressivo maior: um estudo aberto e naturalístico

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Elisabeth Maria Sene Costa

      2006-03-01

      Full Text Available OBJETIVE: Recent literature has highlighted the role of psychotherapy in the treatment of major depressive disorder. Combined therapies comprising both psychotherapy and pharmacotherapy have presented the best results. Although several kinds of psychotherapies have been studied in the treatment of depressive disorders, there remains a lack of data on psychodramatic psychotherapy in the treatment of major depressive disorder. The objective of this study was to evaluate the impact of psychodramatic psychotherapy (in a sample of major depressive disorder patients. METHOD: This is an open, naturalistic, controlled, non-randomized study. Twenty major depressive disorder patients (according to the DSM-IV criteria, under pharmacological treatment for depression, with Hamilton Depression Scale total scores between 7 and 20 (mild to moderate depression, were divided into two groups. Patients in the psychotherapeutic group took part in 4 individual and 24 structured psychodramatic group sessions, whilst subjects in the control group did not participate in this psychodramatic psychotherapy. Both groups were evaluated with the Social Adjustment Scale - Self Report and the Hamilton Depression Scale. RESULTS: Psychotherapeutic group patients showed a significant improvement according to the Social Adjustment Scale - Self Report and the Hamilton Depression Scale scores at endpoint, compared to those of the control group. CONCLUSIONS: Results suggest that individual and group psychodramatic psychotherapy, associated to pharmacological treatment, provides good clinical benefits in the treatment of major depressive disorder.OBJETIVO: A literatura recente destaca o papel das psicoterapias no tratamento do transtorno depressivo maior. A combinação de psicoterapia e farmacoterapia apresenta os melhores resultados. Vários tipos de psicoterapias têm sido estudados no tratamento dos transtornos depressivos; no entanto, existem poucos dados sobre a psicoterapia

    14. The Eating Disorders Section of the Development and Well-Being Assessment (DAWBA: development and validation Sessão de Transtornos Alimentares do Development and Well-Being Assessment (DAWBA: desenvolvimento e validação

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Tatiana Moya

      2005-03-01

      ão entrevistados em todos os casos, assim como as jovens de 11 anos ou mais. MÉTODOS: 174 meninas, divididas em três grupos, foram avaliadas com a Sessão de Transtornos Alimentares do Development and Well-Being Assessment: 48 jovens com transtornos alimentares, 55 controles clínicos (com depressão, transtorno obsessivo-compulsivo ou doença gastrintestinal e 71 controles da comunidade. Sensibilidade, especificidade e valores preditivos do instrumento foram pesquisados pela comparação dos diagnósticos pelo Development and Well-Being Assessment com diagnósticos psiquiátricos independentes. A confiabilidade teste-reteste foi investigada reaplicando-se o instrumento em 55 sujeitos após duas ou três semanas. RESULTADOS: Para a detecção de qualquer transtorno alimentar segundo o DSM-IV e o CID-10, o diagnóstico final pelo Development and Well-Being Assessment apresentou sensibilidade de 100%, especificidade de 94%, valor preditivo positivo de 88%, valor preditivo negativo de 100% e 95% de concordância entre testes e retestes (Kappa de 0,81. CONCLUSÃO: A Sessão de Transtornos Alimentares do Development and Well-Being Assessment tem boas propriedades psicométricas para o uso em estudos clínicos e epidemiológicos.

    15. Diagnóstico dos aneurismas cerebrais por angiotomografia tridimensional

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Andrade Guilherme Cabral de

      2003-01-01

      Full Text Available A angiotomografia é método diagnóstico rápido e minimamente invasivo que passou a ser utilizado recentemente nos casos de aneurisma intracraniano, possuindo 100% de especificidade e podendo atingir 95% de sensibilidade, na avaliação dos aneurismas do círculo de Willis, substituindo a angiografia digital, mas não em todos os casos. Apresentamos nossa experiência na avaliação do exame de angiotomografia tridimensional em período de 2 anos, comprendido entre junho de 1997 e junho 1999, em que foram realizados exames de angiotomografia tridimensional para detecção de aneurismas intracranianos em 136 pacientes Em 118 pacientes foi realizada apenas angiotomografia e em 18 casos foi realizada além da angiotomografia tridimensional, também a angiografia digital convencional. O exame de angiotomografia tridimensional possui baixo risco, sendo melhor utilizada na detecção dos aneurismas com diâmetro maior que 3mm. Possui algumas limitações, como os aneurismas muito pequenos <3mm aneurismas da carótida cavernosa e da circulação posterior, como também a não realização do exame dinâmico.

    16. Transtornos alimentares na infância e na adolescência Trastornos alimentares en la infancia y adolescencia y factores de riesgo Eating disorders in childhood and adolescence

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Juliana de Abreu Gonçalves

      2013-03-01

      Full Text Available OBJETIVO: Discutir os transtornos alimentares em crianças e adolescentes quanto às suas características e fatores de risco. FONTES DE DADOS: A pesquisa de artigos foi realizada nas bases de dados PubMed e SciELO pela combinação dos termos 'crianças', 'adolescentes', 'comportamento alimentar', 'transtorno alimentar', 'bulimia' e 'anorexia', nos idiomas português e inglês. Foram considerados os artigos publicados entre 2007 e 2011, sendo selecionados 49 que analisaram o desenvolvimento do comportamento alimentar e de seus transtornos, a anorexia e a bulimia nervosa e os transtornos alimentares não especificados. SÍNTESE DOS DADOS: Os transtornos alimentares, em especial os não especificados, mostraram-se comuns na infância e na adolescência. Sua presença foi atribuída principalmente ao ambiente familiar e à exposição aos meios de comunicação. As comorbidades psicológicas muitas vezes acompanhavam o diagnóstico do transtorno. CONCLUSÕES: Dentre os fatores de risco para os transtornos alimentares, destacaram-se a mídia e os ambientes social e familiar. A influência da mídia e do ambiente social foi associada, principalmente, ao culto à magreza. Já no âmbito familiar, o momento das refeições mostrou-se fundamental na determinação do comportamento alimentar e no desenvolvimento de seus transtornos. Os transtornos alimentares se associaram a problemas nutricionais (déficit no crescimento e ganho de peso, à saúde bucal (queilose, erosão dental, periodontites e hipertrofia das glândulas salivares e aos prejuízos sociais.OBJETIVO: Discutir los trastornos alimentares en niños y adolescentes respecto a sus características y factores de riesgo. FUENTES DE DATOS: La investigación de artículos se realizó en las bases de datos PubMed y SciELO por la combinación de los términos "niños", "adolescentes", "comportamiento alimentar", "trastorno alimentar", "bulimia" y "anorexia", en los idiomas portugués e inglés. Se

    17. Relação entre os achados do teste masking level difference e do reflexo acústico em crianças com transtorno fonológico

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Diana Weber Bartz

      2015-10-01

      Full Text Available Resumo: OBJETIVO: investigar os achados do teste Masking Level Difference com os resultados do reflexo acústico e a composição do sistema fonológico de crianças com transtorno fonológico, com o propósito de verificar se há associações que possam auxiliar a compreensão do processo de aquisição de linguagem atípica. MÉTODOS: estudo quantitativo, observacional e descritivo, desenvolvido por meio de levantamento secundário de um banco de dados, constituído de avaliações fonoaudiológicas de 110 crianças com transtorno fonológico, com idades entre 5 e 10 anos. Para a composição do corpus deste estudo o requisito utilizado foi a realização da timpanometria, com curva timpanométrica do tipo A (Jerger e possuir avaliação do Masking Level Difference. RESULTADOS: dos dados de 110 crianças, 57 se enquadraram nestes requisitos, compondo a população deste estudo, sendo 42 do sexo masculino e 15 do sexo feminino. Destas 57 crianças, 23 (40,3% apresentam resultado do Masking Level Difference normal e 34 (59,7% apresentam resultado alterado. Não foi encontrada diferença estatística na relação entre o Masking Level Difference com as variáveis idade, sexo, grau de inteligibilidade de fala e o resultado do reflexo acústico contralateral e ipsilateral. Na relação entre a aquisição fonológica dos fonemas em onsetinicial e medial, foi encontrada significância estatística entre a não aquisição dos fonemas /s/ e /ʀ/ em onset inicial e /s/ e /z/ em onset medial com o resultado do teste alterado. CONCLUSÃO: outras habilidades do processamento auditivo, além da interação binaural, devem ser estudadas a fim de identificar a relação deste com o transtorno fonológico.

    18. Estresse em familiares de crianças com transtornos do aprendizado http://dx.doi.org/10.15601/1983-7631/rt.v4n6p66-73

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Renata Mousinho

      2011-05-01

      Full Text Available Introdução: Considerando-se a criança parte ativa no núcleo familiar, um déficit na leitura provoca efeitos em toda a família. O baixo rendimento escolar decorrente de dislexia ou distúrbio de aprendizagem pode aumentar o nível de estresse dos familiares.   Metodologia: participaram do projeto de pesquisa dezesseis responsáveis por crianças atendidas no Ambulatório de Transtornos da Língua Escrita, INDC-UFRJ. Foram utilizados dois questionários, sendo um estruturado: estresse, versão reduzida e um questionário específico de problemas de aprendizagem, semi-aberto, calcado nas dificuldades relatadas pelas famílias na prática clínica. Nos dois casos, as respostas deveriam ser dadas considerando-se os momentos antes e depois do diagnóstico. Resultados: foram reveladas correlações estatísticas (Pearson entre os itens dos dois questionários: significância estatística entre estresse x melhores resultados escolares e estresse x compreensão da escola. Na comparação entre o momento antes e depois do diagnóstico, evidenciou-se decréscimo substancial do impacto do estresse nos seguintes aspectos e momentos: durante o período de provas, na relação com a escola, na baixa auto-estima/ sofrimento da criança, nas terapias de apoio, em relação ao julgamento dos outros, na implicância de colegas, e na não compreensão da própria dificuldade. Conclusão: Transtornos do Aprendizado  podem ser fonte de estresse na família. A compreensão da escola somada aos melhores resultados escolares ajudam a diminuí-lo. O diagnóstico, associado à compreensão das dificuldades, é um período em que a redução se torna mais visível. Tais dados confirmam que é um importante momento para oferecer esclarecimento e apoio aos familiares.Palavras-chave: transtornos do aprendizado;família; estresse

    19. Manejo do paciente com transtornos relacionados ao uso de substância psicoativa na emergência psiquiátrica Management of patients with substance use illnesses in psychiatric emergency department

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Ricardo Abrantes do Amaral

      2010-10-01

      Full Text Available OBJETIVO: Transtornos por uso de substâncias são prevalentes em setores de emergência gerais e psiquiátricos, atingindo taxas de 28% das ocorrências em prontos-socorros gerais. Todavia, profissionais dos setores de emergência identificam menos que 50% dos casos de problemas relacionados ao álcool. Este artigo visa fornecer base fundamentada em evidências para o tratamento específico a pacientes que preencham os critérios diagnósticos de transtornos por uso de substâncias e que se apresentam ao pronto-socorro em quadros de intoxicação ou abstinência. MÉTODO: Uma revisão sobre o tema foi realizada na base de dados Medline, usando-se os descritores "intoxicação aguda", "abstinência", "álcool", "cocaína", "cannabis", "opioides", "inalantes" e "manejo", tendo o inglês como idioma. RESULTADOS E CONCLUSÃO: O cuidado de pessoas com transtornos por uso de substâncias deve conter: avaliação completa (médica geral e psiquiátrica, tratamento dos quadros diagnosticados (abstinência, intoxicação e quadros clínicos que caracterizem uma emergência, sensibilização do paciente para realizar tratamento, se for necessário, e elaboração de encaminhamento.OBJECTIVE: Substance use disorders are prevalent in emergency departments in medical and psychiatric services, reaching rates of 28% of cases in medical emergency departments. However, professionals in the emergency department identify less than 50% of cases of alcohol-related problems. This article aims to provide evidence-based interventions for the specific treatment to patients who meet diagnostic criteria for substance use disorders and who present to emergency rooms during intoxication or abstinence. METHOD: A literature review was performed on Medline database, using the descriptors "acute intoxication", "withdrawal", "alcohol", "cocaine", "cannabis", "opioid", "inhalant", "management", using English as the language. RESULTS: AND CONCLUSION: The care of persons with

    20. Coordenação motora fina de escolares com dislexia e transtorno do déficit de atenção e hiperatividade Fine motor coordination of students with dyslexia and attention deficit disorder with hiperactivity

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Paola Matiko Martins Okuda

      2011-10-01

      Full Text Available OBJETIVOS: descrever e comparar o desempenho da coordenação motora fina em escolares com dislexia e com transtorno do déficit de atenção e hiperatividade utilizando parâmetros de desempenho motor e idade cronológica da Escala de Desenvolvimento Motor. MÉTODO: participaram 22 escolaresdo ensino fundamental, de ambos os gêneros, na faixa etária de 6 a 11 anos de idade distribuídos em: GI: 11 escolares com transtorno do déficit de atenção e hiperatividade e GII: 11 com dislexia. Como procedimento, provas de motricidade fina da Escala de Desenvolvimento Motor foram aplicadas. RESULTADOS: os resultados revelaram diferença estatisticamente significante entre a idade motora fina e a idade cronológica de GI e GII. Conforme a classificação da Escala do Desenvolvimento Motor, 90% dos escolares de GI e GII apresentaram desenvolvimento motor fino muito inferior ao esperado para a idade e 10% dos escolares com dislexia apresentam desenvolvimento normal baixo ao esperado para a idade e 10% dos escolares com transtorno do déficit de atenção e hiperatividade apresentaram desenvolvimento inferior ao esperado para a idade. CONCLUSÃO: concluímos que tanto os escolares com dislexia como os com TDAH deste estudo apresentam atrasos na coordenação motora fina, demonstrando que os participantes desta pesquisa apresentam dificuldades em atividades que exijam destreza, quadro característico do transtorno do desenvolvimento da coordenação. Estudos complementares estão sendo conduzidos pelos autores deste estudo para poder verificar e comprovar se o perfil motor fino dos escolares encontrados neste estudo se assemelham ou se diferem de acordo com o quadro apresentado pelos mesmos.PURPOSE: to describe and compare the fine motor coordination performance of students with dyslexia and with Attention Deficit and Hyperactivity Disorder. METHOD: the study included 22 elementary school students of both genders, aged from 6 to 11-year old, divided into

    1. Avaliação das propriedades psicométricas da escala de acomodação familiar para transtorno obsessivo-compulsivo - versão pontuada pelo entrevistador (FAS-IR) e do impacto da terapia cognitivo-comportamental em grupo na acomodação familiar

      OpenAIRE

      Juliana Braga Gomes

      2015-01-01

      O transtorno obsessivo-compulsivo (TOC) é uma doença crônica que causa prejuízos para o paciente, bem como para a maioria dos familiares. Frequentemente interfere no funcionamento familiar, pois muitas vezes os membros da família modificam suas rotinas devido aos sintomas do paciente. Esses comportamentos observados nos familiares são chamados de acomodação familiar (AF). Os comportamentos de AF podem reforçar os sintomas do paciente e, consequentemente, contribuir para a manutenção da doença...

    2. Terapia cognitivo-comportamental em grupo para transtorno de pânico : avaliação de efeito do protocolo padrão e do acréscimo de sessões de reforço com técnicas cognitivas nas estratégias de enfretamento (coping)

      OpenAIRE

      Ana Cristina Wesner Viana

      2012-01-01

      O transtorno de pânico (TP) é uma condição crônica e recorrente que prejudica a qualidade de vida e o funcionamento psicossocial dos pacientes. O tratamento com medicamentos e a terapia cognitivo-comportamental (TCC) tem evidências comprovadas de eficácia. Entretanto, a recaída é frequente e a falha nas estratégias de enfrentamento (coping), ao lidar com eventos estressores, tem sido apontada como um gatilho deste desfecho. O protocolo de 12 sessões de TCC em grupo (TCCG), atualmente utilizad...

    3. Prevalência de transtornos mentais entre crianças e adolescentes e fatores associados: uma revisão sistemática

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Daianna Lima Thiengo

      2014-12-01

      Full Text Available Objetivo O objetivo deste estudo foi realizar uma revisão sistemática para identificar os transtornos mais prevalentes na infância e adolescência e possíveis fatores associados. Métodos Várias bases eletrônicas de dados foram pesquisadas. Foram considerados critérios de inclusão: estudos epidemiológicos de base populacional; observacionais; com instrumentos validados; publicados em inglês, espanhol ou português; e que obtiveram pontuação acima de 12 pontos conforme critérios metodológicos do Checklist for Measuring Quality. Resultados Os transtornos mais frequentes encontrados pelos estudos, respectivamente, foram: depressão, transtornos de ansiedade, transtorno de déficit de atenção e hiperatividade (TDAH, transtorno por uso de substâncias e transtorno de conduta. Fatores que mais se mostraram associados aos diferentes transtornos foram: fatores biológicos, fatores genéticos e fatores ambientais. Conclusão O conhecimento desses transtornos e seus potenciais fatores de risco trazem a possibilidade de desenvolvimento de programas de intervenção focados em prevenir ou atenuar os efeitos destes.

    4. Transtornos mentais como fatores de risco para o desenvolvimento de abuso/dependência de cocaína: estudo caso-controle

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Lopes Claudia S

      1999-01-01

      Full Text Available OBJETIVO: Avaliar o papel dos transtornos mentais e da dependência ao álcool como possíveis fatores de risco para o abuso/dependência de cocaína. MÉTODOS: Utilizou-se o desenho caso-controle e a técnica de bola-de-neve (snowball technique para selecionar uma amostra de usuários de cocaína não tratados na comunidade (casos e parear casos e controles por sexo, idade e amizade. A coleta de dados foi feita através da utilização do questionário CIDI (Composite International Diagnostic Interview que gera diagnósticos de acordo com os critérios do Diagnostic and Statistical Manual of Mental Disorders-III-R. A análise dos dados foi feita através de regressão logística condicional. RESULTADOS: O estudo incluiu 208 indivíduos. Os principais resultados mostraram que história passada de dependência ao álcool era o principal fator associado a um aumento no risco de desenvolvimento de abuso de cocaína (OR=15,1; IC 95% 3,8-60,2; nenhum outro transtorno mental isolado manteve-se significativamente associado ao aumento deste risco após a análise multivariada. Aumento no risco de abuso de cocaína também foi encontrado entre os indivíduos que relataram pensamentos suicidas (OR=3,1; IC 95% 0,91-10,8, sugerindo associação entre quadros mais graves de depressão e abuso de cocaína. CONCLUSÕES: Esses achados sugerem que os programas voltados para a prevenção e tratamento do abuso de cocaína devem estar preparados para o manejo de questões relacionadas à co-morbidade do abuso de drogas com o álcool e outros distúrbios psiquiátricos.

    5. Cognitive impairment in a Brazilian sample of patients with bipolar disorder Prejuízo cognitivo em uma amostra brasileira de pacientes com transtorno do humor bipolar

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Júlia J Schneider

      2008-09-01

      Full Text Available OBJECTIVE: Persistent neurocognitive deficits have been described in bipolar mood disorder. As far as we are aware, no study have examined whether the cognitive impairment is presented in the same way in a Brazilian sample. METHOD: Cognitive function of 66 patients with bipolar disorder (32 with depressive symptoms and 34 euthymic and 28 healthy subjects was examined using a complete cognitive battery. RESULTS: Patients with bipolar disorder presented a significantly poorer performance in eight of the 12 subtests when compared to healthy subjects. There was no significant difference between the subgroups of patients. These patients showed impairment in both verbal and non-verbal cognitive function. CONCLUSION: Cognitive impairment was found in both groups of patients with bipolar disorder. The findings described here suggest an overall impairment of cognitive function, independent of mood symptoms. This is in line with data showing that cognitive deficits may be a persistent characteristic of bipolar disorder.OBJETIVO: Déficits neurocognitivos persistentes têm sido descritos no transtorno do humor bipolar; entretanto, não há estudos em amostras brasileiras para avaliar se o prejuízo se apresenta da mesma forma. MÉTODO: Foi realizada uma avaliação cognitiva em 66 pacientes bipolares (32 com sintomas depressivos e 34 eutímicos e 28 controles, utilizando-se uma bateria cognitiva completa. RESULTADOS: Em oito dos 12 subtestes avaliados os pacientes apresentaram desempenho significativamente inferior em relação aos controles. Não houve diferença significativa entre os grupos de pacientes. Foram encontrados prejuízos cognitivos tanto na área verbal como na área não verbal da cognição. CONCLUSÃO: Foi observada uma performance inferior em ambos os grupos de pacientes com transtorno bipolar. As dificuldades cognitivas encontradas apontam para um prejuízo global no funcionamento cognitivo, independente da presença de sintomas

    6. Critérios diagnósticos para os transtornos alimentares: conceitos em evolução Diagnostic criteria for eating disorders: evolving concepts

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Angélica de Medeiros Claudino

      2002-12-01

      Full Text Available O presente artigo apresenta o "estado de arte" da discussão acerca dos critérios diagnósticos atuais dos transtornos alimentares: Anorexia Nervosa (AN, Bulimia Nervosa (BN e Transtorno da Compulsão Alimentar Periódica (TCAP. Dentre os aspectos controversos da AN, destacam-se: a concepção da distorção de imagem corporal, a necessidade da presença de amenorréia para o diagnóstico e a possibilidade de manifestação de AN sem seu aspecto característico, o medo de engordar, em culturas não ocidentalizadas. Quanto à BN, discute-se especialmente a concepção de compulsão alimentar sua freqüência e duração necessárias para o diagnóstico. O artigo apresenta também os critérios sugeridos para o diagnóstico de TCAP e comenta sua difícil distinção com a BN não purgativa. As questões aqui discutidas possibilitarão o aprimoramento da nosologia da área.This article presents the "the state of art" of the discussion over the current diagnostic criteria for eating disorders: Anorexia Nervosa (AN, Bulimia Nervosa (BN and Binge-Eating Disorder (BED. Within the controversial aspects of AN, it is outlined: the conception of body image disturbance, the necessity of amenorrhea fpr the diagnosis and the possibility of AN without its characteristic aspect, the morbid fear of weight, in not Westernized cultures. For BN, it is specially discussed the conception of binge-eating and the frequency and duration of episodes necessary for the diagnosis. The article also presents the suggested criteria for BED diagnosis and comments on its difficult distinction from non-purging BN . The issues here discussed shall improve the nosology in the field.

    7. Transtorno da conduta: uma oportunidade para a prevenção em saúde mental?

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Luna Rodrigues Freitas Silva

      2011-03-01

      Full Text Available Este artigo tem como objetivo analisar criticamente o diagnóstico de transtorno da conduta como uma possível oportunidade para a formulação de estratégias de prevenção no campo da saúde mental. Considerado o transtorno psiquiátrico mais frequente na infância e preocupação constante para familiares e clínicos, o transtorno da conduta vem sendo entendido por alguns pesquisadores do campo psiquiátrico como uma oportunidade para a intervenção preventiva. Com o intuito de compreendermos as potencialidades, fragilidades e implicações éticas dessa proposta, analisamos as principais características, controvérsias e debates em torno de sua definição e as peculiaridades que concernem possíveis ações de prevenção. A idade de surgimento do transtorno, a história psiquiátrica familiar, a antecipação do diagnóstico para crianças em idade pré-escolar e a diferenciação entre categorias diagnósticas aplicadas aos comportamentos antissociais são identificados como aspectos controversos do transtorno que acarretam importantes consequências para possíveis propostas de prevenção.

    8. Transtorno da conduta: uma oportunidade para a prevenção em saúde mental?

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Luna Rodrigues Freitas Silva

      Full Text Available Este artigo tem como objetivo analisar criticamente o diagnóstico de transtorno da conduta como uma possível oportunidade para a formulação de estratégias de prevenção no campo da saúde mental. Considerado o transtorno psiquiátrico mais frequente na infância e preocupação constante para familiares e clínicos, o transtorno da conduta vem sendo entendido por alguns pesquisadores do campo psiquiátrico como uma oportunidade para a intervenção preventiva. Com o intuito de compreendermos as potencialidades, fragilidades e implicações éticas dessa proposta, analisamos as principais características, controvérsias e debates em torno de sua definição e as peculiaridades que concernem possíveis ações de prevenção. A idade de surgimento do transtorno, a história psiquiátrica familiar, a antecipação do diagnóstico para crianças em idade pré-escolar e a diferenciação entre categorias diagnósticas aplicadas aos comportamentos antissociais são identificados como aspectos controversos do transtorno que acarretam importantes consequências para possíveis propostas de prevenção.

    9. Prevalência de transtorno depressivo maior em centro de referência no tratamento de hipertensão arterial Prevalence of major depressive disorders in a reference center for the treatment of hypertension

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Geraldo Francisco do Amaral

      2007-08-01

      Full Text Available OBJETIVO: Investigar a prevalência de transtorno depressivo maior em pacientes hipertensos matriculados em um centro de referência universitário para tratamento de hipertensão arterial e fatores de risco cardiovascular. MÉTODOS: Estudo transversal, descritivo, em amostra aleatória representativa, obtida de forma sistemática, de pacientes em atendimento contínuo na Liga de Hipertensão Arterial da Universidade Federal de Goiás. Aplicou-se o Inventário de Depressão de Beck para rastreamento de sintomas depressivos e a Entrevista Estruturada para o Manual de Diagnóstico e Estatística das Perturbações Mentais - Transtornos do Eixo I para avaliação diagnóstica de transtorno depressivo maior. Foram constituídos um grupo com pacientes portadores de depressão maior, denominado grupo-estudo, e um grupo com pacientes não-portadores de depressão maior, denominado grupo-controle. Avaliou-se variáveis sociodemográficas, pressão arterial e bioquímica sangüínea no momento da coleta de dados. RESULTADOS: Foram entrevistados 285 pacientes, tendo sido encontrada prevalência de 20% de depressão maior na população investigada. A idade média foi significativamente menor para o grupo-estudo, com predomínio do sexo feminino. A prática de atividade física regular foi também significativamente menor entre os pacientes do grupo-estudo, que também apresentaram valores mais elevados de pressão arterial diastólica e de colesterolemia. CONCLUSÕES: Foi encontrada uma prevalência de transtorno depressivo maior em pacientes hipertensos superior àquela encontrada na população geral. Isso aponta para uma necessidade de maior atenção ao diagnóstico dos transtornos depressivos em pacientes hipertensos em atendimento primário e ambulatorial.OBJECTIVE: To investigate the prevalence of major depression disorders in hypertensive patients enrolled in a university reference center for treatment of hypertension and other cardiovascular risk

    10. A influência da comorbidade com transtornos alimentares na apresentação de mulheres dependentes de substâncias psicoativas The impact of eating disorders as a comorbidity on psychoactive drug-dependent women seeking care

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Silvia Brasiliano

      2006-01-01

      Full Text Available A associação entre transtornos alimentares e dependência de substâncias é freqüente na prática clínica. Apesar de já existirem dados sugestivos de que essa associação possa sinalizar maior severidade nos distúrbios psiquiátricos e clínicos das pacientes, poucas pesquisas avaliaram sua influência no tratamento. Oitenta mulheres dependentes de álcool e drogas que procuraram tratamento em um programa exclusivo para mulheres foram avaliadas por meio da Entrevista Clínica Estruturada para o DSM-IV (SCID, do ASI, e de um questionário padronizado para a coleta de dados sociodemográficos e relativos ao uso de substâncias psicoativas. As 27 (33,75% pacientes que tinham transtornos alimentares presentes (grupo com TA foram comparadas com as 53 (66,25% que não tinham essa comorbidade (grupo sem TA. Os resultados mostraram que o grupo com TA teve problemas com drogas de maneira mais precoce, era significativamente mais jovem e tinha maior severidade no uso destas que o grupo sem TA. As diferenças encontradas, bem como a alta prevalência dos transtornos alimentares não formais, enfatizam a importância de uma avaliação detalhada dos transtornos alimentares em pacientes dependentes de substâncias psicoativas que buscam tratamento. A fim de planejar abordagens terapêuticas efetivas, essas diferenças e, principalmente, a influência da comorbidade entre transtornos alimentares e dependência de substâncias psicoativas no tratamento da dependência química precisam ser investigadas no futuro.The co-occurrence of eating disorders and substance use disorders is frequent in clinical settings. Although there are some data suggesting that this co-occurrence may signal greater psychiatric disturbances and greater medical risks, few studies have evaluated its impact on treatment course. Eighty drug dependent women who had sought treatment in a substance use gender-responsive program were assessed with the Structured Clinical Interview for

    11. Tempo de latência e características da nomeação de figuras de crianças com transtorno da leitura Latency time and characteristics of picture labelling by children with reading disorders

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Luciene Stivanin

      2007-08-01

      Full Text Available O objetivo deste estudo foi investigar o tempo de latência e as características da nomeação de figuras em crianças com Transtorno da Leitura e com desenvolvimento típico de leitura, de mesma escolaridade. As amostras foram constituídas por 20 crianças com Transtorno da Leitura (m=8,3 a e 25 criançassem dificuldades na leitura (m=8,6 a, de ambos os gêneros. O teste de nomeação de figuras foi constituído por 96 figuras, com balanceamento equivalente às palavras escritas: freqüência de ocorrência, extensão e complexidade para o português falado no Brasil. As figuras foram apresentadas na tela de um computador e as crianças foram instruídas a dizer o nome das figuras. O tempo de latência e as respostas foram registradas em um programa criado especialmente para esta pesquisa. As respostas foram analisadas de acordo com os critérios da literatura específica. Não foram observadas diferenças entre crianças com Transtorno da Leitura e seus controles para o tempo de latência. Todavia os resultados apontaram mais respostas corretas para o grupo de leitores e mais erros fonológicos para as crianças com Transtorno da Leitura. Conclui-se que o tempo gasto para a recuperação dos nomes das figuras é semelhante entre as amostras, porém as crianças com Transtorno da Leitura podem exibir déficits na nomeação de figuras, principalmente para selecionar as formas fonológicas dos nomes, resultando em nomeações incorretas.The aim of this study was to verify latency time and the properties for the picture labelling in children with reading disorders and children with typical reading development. The sample was composed of 20 children with reading disorders (age mean=8,3 y and 25 children without reading disorders (age mean=8,6 y, from both genders. The picture labelling test was made up of 96 pictures, divided into stimuli groups, with equivalent balance to written words: frequency of occurrence of the written word, word

    12. Qualidade de vida em indivíduos com transtorno obsessivo-compulsivo: revisão da literatura Quality of life in individuals with obsessive-compulsive disorder: a review

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Kátia Gomes Niederauer

      2007-09-01

      Full Text Available OBJETIVO: O transtorno obsessivo-compulsivo acomete entre 1,6 a 3,1% da população. Em virtude de uma maior compreensão do sofrimento associado aos sintomas, aumentaram os estudos e o interesse no bem-estar geral e na qualidade de vida dos portadores. MÉTODO: Foi realizada uma revisão bibliográfica de trabalhos que investigaram a qualidade de vida em portadores de transtorno obsessivo-compulsivo. A busca foi feita nas bases de dados Medline, SciELO e PsychoInfo, utilizando como palavras-chave quality of life e obsessive-compulsive disorder. Foram selecionados 27 artigos que abordaram o tema, sendo descritas as áreas mais afetadas pelo transtorno, bem como a sua relação com a qualidade de vida foram descritas. Também foram apresentados efeitos de tratamentos na qualidade de vida dos pacientes. RESULTADOS: Os relacionamentos sociais e familiares, seguidos pelo desempenho ocupacional (capacidade para trabalhar e estudar, foram as áreas mais afetadas pelo transtorno e, apesar de melhorarem com tratamento, permanecem insatisfatórios. As obsessões foram associadas a prejuízos mais significativos na qualidade de vida do que as compulsões (rituais. CONCLUSÕES: Apesar das limitações, os estudos mostram evidências do comprometimento da qualidade de vida de indivíduos com transtorno obsessivo-compulsivo, sendo este comparável ao de pacientes com esquizofrenia. Pesquisas futuras com diferentes delineamentos são necessárias para estabelecer resultados mais consistentes.OBJECTIVE: Obsessive-compulsive disorder affects between 1.6 and 3.1% of the population. Due to the distress caused by obsessive-compulsive disorder leading to disability as well as the prevalence of the disease, there has been an increase in the number of studies focusing on the general well-being of patients by assessing quality of life. METHOD: A literature review of the studies that investigated the quality of life of patients with obsessive-compulsive disorder was

    13. Panic disorder and hyperventilation Transtorno do pânico e hiperventilação

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      ANTONIO EGIDIO NARD

      1999-12-01

      Full Text Available Respiratory abnormalities are associated with anxiety, particularly with panic attacks. Symptoms such as shortness of breath, "empty-head" feeling, dizziness, paresthesias and tachypnea have been described in the psychiatric and respiratory physiology related to panic disorder. Panic disorder patients exhibit both behaviorally and physiologically abnormal responses to respiratory challenges tests. Objective: We aim to observe the induction of panic attacks by hyperventilation in a group of panic disorder patients (DSM-IV. Method: 13 panic disorder patients and 11 normal volunteers were randomly selected. They were drug free for a week. They were induced to hyperventilate (30 breaths/min for 3 minutes. Anxiety scales were taken before and after the test. Results: 9 (69.2% panic disorder patients and one (9.1% of control subjects had a panic attack after hyperventilating (pDistúrbios respiratórios estão associados à ansiedade, especialmente aos ataques de pânico. Sufocamento, sensação de "cabeça leve", tonteira, parestesias e taquipnéia aparecem na descrição psiquiátrica e respiratória do transtorno do pânico. Pacientes com transtorno do pânico apresentam respostas comportamentais e fisiológicas anormais a testes respiratórios. Objetivo: Observamos a indução de ataques de pânico através de hiperventilação em um grupo de pacientes com transtorno do pânico (DSM-IV. Método: Selecionamos de forma randomizada 13 pacientes com transtorno do pânico e 11 voluntários normais. Todos estavam sem medicação há uma semana. Foram induzidos a hiperventilar (30 inspirações/minuto durante 3 minutos. Escalas de ansiedade foram utilizadas antes e após o teste. Resultados: No grupo com transtorno de pânico, 9 (69,2% pacientes apresentaram ataque de pânico após a hiperventilação e apenas 1 (9,1% no grupo controle (p<0,05. Conclusão: Os pacientes com transtorno do pânico foram mais sensíveis à hiperventilação que o grupo

    14. A experiência da agudização dos sintomas psicóticos: percepção de familiares = The experience with acute psychotic symptoms: perception of family

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Moraski, Tarciana Raquel

      2005-01-01

      Resultados e conclusões: A partir da análise dos dados, identificaram-se as repercussões no âmbito familiar em decorrência dos sintomas psicóticos agudos de um dos integrantes do grupo familiar, pelo fato deste estar acometido por um transtorno mental. Conclui-se que os familiares necessitam de atenção e de apoio por parte das instituições de saúde, como estratégia de enfrentamento aos desafios advindos do cuidar de um doente mental psicótico

    15. Relato da vida escolar de pessoas com o transtorno obsessivo-compulsivo e altas habilidades: a necessidade de programas de enriquecimento School life of people who have obsessive-compulsive disorder and high habilities: the need of enrichment programs

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Maria Claudia Dutra Lopes Barbosa

      2005-08-01

      Full Text Available Este artigo tem por objetivo discutir a oferta de atividades escolares de apoio a estudantes com sintomas ou transtorno obsessivo-compulsivo e altas habilidades/superdotação/talentos, através de atividades psico-educacionais denominadas programas de enriquecimento. Para se identificar o comportamento relativo às altas habilidades nos sujeitos, foram utilizados os testes psicológicos Matrizes Progressivas de Raven - Escala Geral, e Minhas Mãos (MM, além do coeficiente de rendimento escolar dos sujeitos, bem como os relatos dos mesmos, colhidos por meio de questionário baseado no Modelo Triádico de Renzulli e Mönks. Quanto aos comportamentos dos sujeitos relacionados ao transtorno obsessivo-compulsivo diagnosticado por psiquiatra, foram utilizados a Escala de Sintomas Obsessivo-Compulsivos de Yale-Brown (YBOCS e um questionário baseado em Cordioli, para a identificação dos sintomas obsessivo-compulsivos apresentados pelos sujeitos. Os resultados da pesquisa, além de (1 reforçarem a pertinência da proposta de utilização de programas de enriquecimento para estudantes com altas habilidades, (2 evidenciaram a desinformação de alguns educadores acerca das manifestações e sintomas do transtorno obsessivo-compulsivo, e (3 indicaram que as altas habilidades não são percebidas por muitos educadores como uma necessidade especial que deve ser reconhecida e oportunizada. O método de pesquisa estudo de caso foi aplicado a 9 sujeitos os quais apresentam altas habilidades/superdotação/talentos e transtorno obsessivo-compulsivo.This article intends to discuss supporting school activities to students who present obsessive-compulsive disorder or its symptoms, and also High Abilities/Giftedness/Talents, by introducing psycho educational activities nominated enrichment programs. In order to identify the High Abilities behavior in subjects, it was performed psychological tests such as Raven Progressive Matrix-General Scale, My Hands (MM

    16. Suicidal ideation and suicide attempts in bipolar disorder type I: an update for the clinician Ideação suicida e tentativas de suicídio no transtorno afetivo bipolar tipo I: uma atualização para o clínico

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Lena Nabuco de Abreu

      2009-09-01

      Full Text Available OBJECTIVE: This article reviews the evidence for the major risk factors associated with suicidal behavior in bipolar disorder. METHOD: Review of the literature studies on bipolar disorder, suicidal behavior and suicidal ideation. RESULTS: Bipolar disorder is strongly associated with suicide ideation and suicide attempts. In clinical samples between 14-59% of the patients have suicide ideation and 25-56% present at least one suicide attempt during lifetime. Approximately 15% to 19% of patients with bipolar disorder die from suicide. The causes of suicidal behavior are multiple and complex. Some strong predictors of suicidal behavior have emerged in the literature such as current mood state, severity of depression, anxiety, aggressiveness, hostility, hopelessness, comorbidity with others Axis I and Axis II disorders, lifetime history of mixed states, and history of physical or sexual abuse. CONCLUSION: Bipolar disorder is the psychiatric condition associated with highest lifetime risk for suicide attempts and suicide completion. Thus it is important to clinicians to understand the major risk factors for suicidal behavior in order to choose better strategies to deal with this complex behavior.OBJETIVO: O artigo revisa as evidências relacionadas aos principais fatores de risco associados ao comportamento suicida no transtorno bipolar. MÉTODO: Revisão de artigos da literatura em transtorno bipolar, tentativa de suicídio e ideação suicida. RESULTADOS: O transtorno bipolar está fortemente associado à presença de ideação suicida e a tentativas de suicídio. Em amostras clínicas, entre 14% e 59% dos pacientes apresentam ideação suicida e entre 25% e 56% têm pelo menos uma tentativa de suicídio ao longo da vida. Aproximadamente 15% a 19% dos pacientes com transtorno afetivo bipolar morrem por suicídio. As causas do comportamento suicida são múltiplas e complexas. Alguns preditores de comportamento suicida vêm sendo demonstrados

    17. Transtorno de estresse pós-traumático e transtorno de humor bipolar Posttraumatic stress disorder and bipolar mood disorder

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Rodrigo Machado Vieira

      2003-06-01

      Full Text Available O Transtorno Bipolar (THB não é somente uma condição endógena. Severos eventos negativos durante a vida influenciam o desenvolvimento do primeiro episódio e alteram o curso do THB durante a vida. O Transtorno de Estresse Pós-Traumático (TEPT é uma severa e incapacitante doença mental que afeta uma significativa parcela da população, em algum momento de suas vidas. A presença concomitante de TEPT e THB parece mais freqüente que anteriormente sugerido, e pacientes psicóticos com história de trauma tem sintomas mais severos e maior tendência a abusar de substância psicoativas ilícitas. Pensamentos intrusivos e pesadelos ocorrem com freqüência nos pacientes com TEPT e têm sido associados aos transtornos de humor. O tratamento farmacológico dessa comorbidade ainda está relacionado a estudo empíricos ou não-controlados. Neste artigo, são revisados aspectos atuais relacionados a essa comorbidade e enfatizados aspectos referentes à epidemiologia, etiologia, curso e tratamento farmacológico da comorbidade entre TEPT e THB. Especialmente, este estudo enfatiza a importância de avaliar sistematicamente a história de trauma em pacientes com THB.Bipolar disorder (BD is not only an endogenous condition. Severe negative life events have been shown to influence the development of the first episode and lifetime course of BD. Posttraumatic stress disorder (PTSD is a severe and incapacitating mental condition that affect a significant proportion of the general population at some time in their lives. The concomitant presence of BD and PTSD has been shown to be more frequent than previously suggested and psychotic patients with trauma histories have a tendency to present more severe symptoms and are more proned to present substance use disorders. Trauma-related intrusive memories and nightmares of PTSD have been associated with mood changes. Also, kindling and behavioral sensitization have been proposed to explain the etiology and

    18. Epidemiologia dos transtornos do desenvolvimento psicológico em adolescentes: uso de álcool e outras drogas

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Fábio Vinícius Rocha

      2015-01-01

      Full Text Available identificar las características personales y clínicas de adolescentes con Trastornos del Desarrollo Psicológico, usuarios de alcohol y otras drogas. Método: estudio retrospectivo que analizó la atención en un Centro de Atención Psicosocial III. Resultados: de 415 adolescentes tratados, 52,3% eran mujeres; 89,9% con 12 a 14 años; 51,6% asistidos por orden judicial; 28,2% tenían “Trastorno del Desarrollo Psicológico no Especificado”; 32,3% utilizaban múltiples drogas. Tener entre 12 y 14 años presentó, respectivamente, riesgos 2,5 y 1,5 veces mayores de Trastorno de Desarrollo Psicológico. Consumidores de cocaína/grieta presentaron más probabilidad (4,27 veces de recibir el diagnóstico “Uso de Sustancias Psicoactivas”. Conclusión: los adolescentes son tratados según la Ley, que requiere tratamiento debido a las inadecuaciones al convivio común, en alto uso de cannabinoides, y la dificultad de profesionales en la atención de los Trastornos del Desarrollo Psicológico.

    19. Epidemiologia dos transtornos do desenvolvimento psicológico em adolescentes: uso de álcool e outras drogas

      OpenAIRE

      Fábio Vinícius Rocha; Roberto Lazzarini de Oliveira; Daniella Almeida Silva Brum; Ricardo Bezerra Cavalcante; Richardson Miranda Machado

      2015-01-01

      identificar las características personales y clínicas de adolescentes con Trastornos del Desarrollo Psicológico, usuarios de alcohol y otras drogas. Método: estudio retrospectivo que analizó la atención en un Centro de Atención Psicosocial III. Resultados: de 415 adolescentes tratados, 52,3% eran mujeres; 89,9% con 12 a 14 años; 51,6% asistidos por orden judicial; 28,2% tenían “Trastorno del Desarrollo Psicológico no Especificado”; 32,3% utilizaban múltiples drogas. Tener entre 12 y 14 años p...

    20. Análise da freqüência fundamental, jitter, shimmer e intensidade vocal em crianças com transtorno fonológico Analysis of fundamental frequency, jitter, shimmer and vocal intensity in children with phonological disorders

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Haydée F. Wertzner

      2005-10-01

      Full Text Available O transtorno fonológico é uma alteração de manifestação primária de causa indefinida que torna a fala ininteligível. A análise de parâmetros vocais torna-se importante no processo do diagnóstico deste transtorno, pois distúrbios de voz poderiam interferir na produção dos sons da fala. OBJETIVO: O objetivo deste estudo foi verificar as características vocais relacionadas à intensidade e freqüência fundamental - F0 - e seus índices de perturbação - jitter e shimmer - em crianças com transtorno fonológico. FORMA DE ESTUDO: clínico prospectivo com coorte transversal. MATERIAL E MÉTODO: Foram sujeitos 40 crianças distribuídas em dois grupos: 20 com transtorno fonológico e 20 sem alteração de fala e linguagem. Foram aplicadas provas de fonologia do Teste de Linguagem Infantil ABFW e de fala espontânea. Utilizou-se o Computer Speech Lab, para gravação e análise acústica das vogais /a/, /e/, /i/, por meio dos parâmetros vocais: freqüência fundamental, intensidade, jitter e shimmer. RESULTADOS: F0 - vogal /e/ é menor, em média, para o Grupo com Transtorno Fonológico (126Hz e 237Hz no Grupo Controle. Para o shimmer e jitter não há evidência de que as médias do Grupo com Transtorno Fonológico sejam diferentes das do Grupo Controle (p= 0,191, p=0,865 respectivamente. Quanto à intensidade, há evidência de que a média diferencia os dois grupos (p= 0,002. CONCLUSÃO: A freqüência da vogal /e/ é menor no Grupo com Transtorno Fonológico. Existe diferença entre grupos para as médias da intensidade das vogais /a/, /e/ e /i/, sendo estas menores no Grupo com Transtorno Fonológico. Não foram encontradas diferenças entre grupos para as médias do jitter e do shimmer.Phonological Disorder is a disturbance of primary manifestation of undefined causes that makes speech become unintelligible. The analysis of vocal parameters becomes important in the process of diagnosis of this disorder, since voice disorders

    1. Prevalência de transtornos psiquiátricos em pacientes em hemodiálise no estado da Bahia Prevalence of psychiatric disorders in patients in hemodialysis in the state of Bahia

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Jose A. Moura Junior

      2006-01-01

      Full Text Available INRODUÇÃO: Limitações da qualidade de vida dos pacientes com insuficiência renal crônica (IRC em programa de hemodiálise estão associadas a maior prevalência de transtornos psiquiátricos. O diagnóstico precoce e preciso pode contribuir na elaboração de estratégias de tratamento. OBJETIVO: Estudar a prevalência e o padrão dos transtornos psiquiátricos em pacientes hemodialisados, identificando variáveis relacionadas com sua ocorrência. MÉTODOS: Foram estudados 244 pacientes e analisadas as variáveis associadas à ocorrência de transtornos psiquiátricos. Os pacientes foram avaliados através do Mini-International Neuropsychiatric Interview (MINI. RESULTADOS: Pelo menos um diagnóstico psiquiátrico foi apresentado por 91 pacientes (37,3%. Os de ocorrência mais freqüente foram distimia (17,6%, risco de suicídio (16,4% e episódio depressivo maior (8,6%. O sexo feminino apresentou maior risco de transtornos psiquiátricos (razão de chance [RC] = 2,77; intervalo de confiança [IC] 95%: 1,42-5,41. Os pacientes viúvos, separados e solteiros apresentaram maior risco de transtornos psiquiátricos do que os casados (RC= 5,507;IC95%:1,348-22,551. Aqueles com menos de dois anos em diálise apresentaram risco maior (RC = 2,075; IC 95%: 1,026-4,197. Os pacientes com clearance fracional de uréia (Kt/V abaixo de 0,9 tiveram maior chance de apresentar transtornos psiquiátricos (RC = 3,955; IC 95%: 1,069-11,012. CONCLUSÕES: A prevalência de transtornos psiquiátricos foi alta. Os transtornos afetivos foram os mais freqüentes. Nas mulheres e naqueles com Kt/V baixo, o risco foi maior. Nos pacientes casados e naqueles com mais de dois anos em tratamento o risco foi menor.INTRODUCTION: Limiting factors of dialysis patients' quality of life are associated with high rates of psychiatric disease. Since effective treatment of psychiatric diseases can positively affect dialysis patients' prognosis and survival, there is a need for an

    2. Bipolar disorder and age-related functional impairment Prejuízo funcional associado à idade e transtorno bipolar

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Alice Aita Cacilhas

      2009-12-01

      Full Text Available OBJECTIVE: Although bipolar disorder is a major contributor to functional impairment worldwide, an independent impact of bipolar disorder and ageing on functioning has yet to be demonstrated. The objective of the present study was to evaluate the effect of bipolar disorder on age-related functional status using matched controls as a standard. METHOD: One-hundred patients with bipolar disorder and matched controls were evaluated for disability. Age-related effects controlled for confounders were cross-sectionally evaluated. RESULTS: Patients were significantly more impaired than controls. Regression showed effects for aging in both groups. The effect, size, however, was significantly stronger in patients. CONCLUSION: Bipolar disorder was an important effect modifier of the age impact on functioning. While a longitudinal design is needed to effectively demonstrate this different impact, this study further depicts bipolar disorder as a chronic and progressively impairing illness.OBJETIVO: O transtorno bipolar é responsável por importante parcela do prejuízo funcional ao redor do mundo. Um efeito independente do transtorno bipolar e da idade no funcionamento ainda não foi demonstrado. O presente estudo tem o objetivo de avaliar o efeito do transtorno bipolar no prejuízo funcional relacionado à idade, com controles pareados como padrão. MÉTODO: Cem pacientes com transtorno bipolar e controles pareados foram avaliados para incapacidade. Efeitos relacionados à idade, com controle para confundidores, foram investigados. RESULTADOS: Pacientes tiveram significativamente mais prejuízo que controles. A regressão mostrou efeito para a idade em ambos os grupos, e o efeito foi significativamente mais forte nos pacientes. CONCLUSÃO: O transtorno bipolar foi um importante modificador de efeito no impacto da idade no funcionamento. Enquanto um desenho de estudo longitudinal é necessário para efetivamente demonstrar este impacto diferencial, este

    3. Exercício aeróbio como terapia de exposição a estímulos interoceptivos no tratamento do transtorno de pânico Aerobic exercise as exposure therapy to interoceptive cues in panic disorder

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Ricardo William Muotri

      2007-10-01

      Full Text Available Os ataques de pânico são representados por um período distinto no qual há o início súbito de intensa apreensão, temor ou terror, freqüentemente associados com sentimentos de catástrofe iminente, diagnosticado em aproximadamente 10% da população. O Transtorno de Pânico é um transtorno de ansiedade que se caracteriza pela recorrência de ataques de pânico: crises súbitas de mal-estar e sensação de perigo ou morte iminente, acompanhadas de diversos sintomas físicos e cognitivos. Os indivíduos com Transtorno de Pânico apresentam, caracteristicamente, preocupações acerca das implicações ou conseqüências dos ataques de pânico. É uma condição clínica complexa que envolve diferentes modalidades ou conglomerados de sintomas. Assim, o foco nas sensações físicas erroneamente interpretadas no transtorno de pânico e na hipocondria centraliza-se basicamente nas manifestações autonômicas, como taquicardia e dispnéia. Há poucos estudos sobre atividade física e transtorno de pânico. O principal objetivo do estudo visa identificar com diferentes descrições se há uma população "nuclear" com sintomas predominantemente respiratórios apresentando esquiva de atividade física e a influência do exercício nesta população.Panic attacks are represented by distinct periods in which there is a sudden beginning of internal apprehension, fear or terror, frequently associated with feelings of imminent catastrophe, diagnosed in approximately 10% of the population. The panic disorder is an anxiety crisis that is characterized by the recurrence of panic attacks: sudden crises of uneasiness and sensation of danger or imminent death, followed by diverse physical and cognitive symptoms. Individuals with panic disorder are characteristically concerned about panic attacks implications or consequences. It is a complex clinical condition that involves different modalities or myriad of symptoms. Thus, the focus on the physical

    4. Subtipo respiratório versus não respiratório no transtorno de pânico com agorafobia: avaliação com terapia cognitivo-comportamental Respiratory versus non respiratory subtypes of panic disorder with agoraphobia: cognitive behavioral therapy assessment

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Anna Lucia Spear King

      2012-01-01

      Full Text Available OBJETIVO: verificar a resposta dos pacientes com transtorno de pânico com agorafobia à modelo proposto de terapia cognitivo-comportamental (TCC nos dois subtipos respiratórios de transtorno de pânico: o subtipo respiratório (SR e subtipo não respiratório (SNR Amostra randomizada por sorteio com 50 pacientes diagnosticados segundo o Manual Diagnóstico e Estatístico dos Transtornos Mentais. A medicação: antidepressivos tricíclicos ou inibidores seletivos de recaptação da serotonina. Setenta e sete ponto seis porcento da amostra de pacientes de ambos os grupos apresentaram o SR e 22,4 % o SNR. Os pacientes do SR, responderam satisfatoriamente ao tratamento com técnicas da TCC, reduzindo ansiedade, sintomas respiratórios e os ataques de pânico. Os pacientes do SR melhoraram, segundo a escala de avaliação global do funcionamento, de 55,8 para 70,9 em comparação com o SNR.The objective of the present study was to verify the response of patients with panic disorder (agoraphobia to existing cognitive-behavior therapy models (CBT of two respiratory subtypes of panic disorder (PD: respiratory subtype (RS and non respiratory subtype (NRS. We randomly selected a sample of 50 patients diagnosed according to the Diagnostic and Statistical Manual of Mental Disorders. The medication used was tricycle or selective serotonin reuptake inhibitor antidepressants. Seventy-seven point six percent of the patients from both groups showed RS and 22.4% the NRS. The RS patients responded satisfactorily to the treatment with techniques of CBT decreasing anxiety, breathing symptoms and panic attacks. According to the global functioning assessment scale, RS patients improved from 55.8 to 70.9 in comparison with NRS ones.

    5. Transtorno mental na infância: configurações familiares e suas relações sociais

      OpenAIRE

      2015-01-01

      Objetivo: Este estudo teve como objetivo conhecer a rede social e o apoio social na perspectiva da família de criança com transtorno mental. Métodos: Foi uma pesquisa descritiva-exploratória de abordagem qualitativa, com 14 familiares de crianças com transtornos mentais atendidas no CAPS-i de Maringá - PR. A coleta de dados aconteceu de janeiro a abril de 2013, por meio de entrevistas semiestruturadas e construção de genogramas e ecomapas das famíl...

    6. Concordancia entre procedimientos diagnósticos invasivos para la infección por Helicobacter pylori en adultos

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Jaime Alberto Sánchez-Cuén

      2015-07-01

      Full Text Available Objetivo. Comparar la concordancia entre cultivo, histología y prueba rápida de la ureasa para el diagnóstico de infección por Helicobacter pylori, así como la relación de hallazgos histopatológicos y frecuencia de positividad entre dichos procedimientos diagnósticos. Material y métodos. Estudio de pruebas diagnósticas. Población de sujetos con endoscopía digestiva y toma de muestras gástricas antrales en un hospital de especialidades en México. Se realizó prueba rápida de la ureasa (una muestra, histología (dos muestras y cultivo (dos muestras. Análisis estadístico con coeficiente de Kappa. Resultados. Se estudiaron 108 sujetos: 28 (25.9% hombres y 80 (74.1% mujeres; la edad promedio fue 49.1 (DE 15.1 años. El coeficiente de Kappa fue 0.729 y 0.377 entre cultivo con histología y prueba rápida de la ureasa respectivamente; asimismo, el coeficiente de Kappa fue 0.565 entre histologíay  prueba rápida de la ureasa. Conclusiones. La fuerza de concordancia fue mayor entre histología con cultivo y la prueba rápida de la ureasa, por lo cual la histología es lo más recomendable en la práctica clínica para la detección de la infección por Helicobacter pylori.

    7. Transtornos de humor refratários a tratamento Treatment-resistant mood disorders

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Rodrigo Machado-Vieira

      2007-10-01

      Full Text Available OBJETIVOS E MÉTODO: Os transtornos de humor estão entre os transtornos psiquiátricos mais prevalentes. Apesar de novas descobertas e avanços no estudo das bases neurobiológicas e abordagens terapêuticas no transtorno bipolar e depressão recorrente, elevadas taxas de recorrência, sintomas subsindrômicos persistentes e refratariedade terapêutica são aspectos clínicos desafiadores e precisam ser abordados. O objetivo desta revisão da literatura é o de avaliar os conceitos e critérios de resistência e refratariedade ao tratamento, e evidenciar as principais alternativas terapêuticas para transtornos do humor resistentes aos tratamentos disponíveis. RESULTADOS: Fatores genéticos, erro diagnóstico e de tratamento, não-aderência, e estressores biológicos e psicossociais podem levar à perda de mecanismos regulatórios e ao aumento na prevalência de casos de refratariedade nos transtornos de humor. Com relação aos tratamentos disponíveis, o uso de doses apropriadas, seguido por associação com um segundo ou terceiro fármaco, e após, se indicado, a troca de medicação, são etapas necessárias na busca de melhor eficácia. Entretanto, no paradigma de refratariedade terapêutica, tratamentos atuando em sistemas já conhecidos, especialmente monoaminas, freqüentemente apresentam limitada eficácia. Assim, a busca por tratamentos mais eficazes para os transtornos de humor torna-se um aspecto chave para diminuir sua morbidade. CONCLUSÃO: Estratégias focadas na regulação de vias ativadoras de neuroplasticidade, incluindo agentes antiglutamatérgicos, antagonistas de receptor glucocorticóide e neuropeptídeos, podem representar opções terapêuticas promissoras.OBJECTIVE AND METHOD: Mood disorders are the most prevalent psychiatric disorders. Despite new insights and advances on the neurobiological basis and therapeutic approaches for bipolar disorders and recurrent depression, elevated prevalence of recurrence, persistent

    8. Estudo de caso controle para avaliar o impacto do abuso sexual infantil nos transtornos alimentares

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Felipe Paraventi

      2011-01-01

      Full Text Available CONTEXTO: O objetivo deste estudo foi investigar se antecedente de abuso sexual na infância (ASI está associado com transtornos alimentares na vida adulta. MÉTODOS: Realizou-se um estudo de caso controle (N = 120 comparando mulheres com transtornos alimentares tratadas em ambulatório universitário especializado com um grupo controle de pacientes de clínica não psiquiátrica (ambulatório de oftalmologia. RESULTADOS: Este estudo encontrou maior prevalência de ASI na anorexia nervosa (AN comparada ao grupo controle (50% versus 14,8%; OR = 5,8 IC 95% = 1,3-25,6; p < 0,05, entretanto não identificou diferença estatística entre os grupos comparando com casos de bulimia nervosa (BN (26,7% versus 27% no grupo controle; OR = 0,99; IC 95% = 0,24-4,1 e com transtorno de compulsão alimentar periódica (TCAP, apesar da maior prevalência de ASI observada neste último em relação ao grupo controle (43,7% versus 27,3%; OR = 2,1 IC 95% = 0,5- 8,1. Considerando-se a presença de dois ou mais episódios de ASI, observou-se também maior prevalência em AN (35,7% versus 3,7% nos controles; OR = 14,4 IC 95% = 1,5-140,8; p < 0,05. CONCLUSÃO: Este estudo mostrou forte associação da anorexia nervosa com antecedentes de abuso sexual na infância.

    9. Identificação de fatores de predisposição aos transtornos alimentares: anorexia e bulimia em adolescentes de Belo Horizonte, Minas Gerais

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Nádia Laguárdia de Lima

      2012-08-01

      Full Text Available Este trabalho tem como objetivo apresentar o resultado de uma pesquisa interdisciplinar que buscou identificar os fatores de predisposição aos transtornos alimentares, especificamente anorexia e bulimia, em adolescentes do sexo feminino de Belo Horizonte/MG. Foi utilizado como método de pesquisa um estudo transversal, com amostras aleatórias simples. Foram entrevistadas 227 adolescentes do sexo feminino entre 18 e 19 anos, cursando o primeiro semestre de vários cursos de graduação, de diferentes faculdades, privadas e públicas, utilizando-se de formulários padrões, BITE (Teste de Investigação Bulímica de Edimburgo e o EAT 26 (Teste de Atitudes Alimentares Resumido. O resultado da pesquisa apontou uma predisposição elevada na população estudada à anorexia e bulimia, que pode ser analisada a partir dos efeitos da incidência da cultura da imagem sobre as adolescentes na contemporaneidade.

    10. Significado da busca de tratamento por mulheres com transtorno depressivo atendidas em serviço de saúde público

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Denise Martin

      2012-12-01

      Full Text Available O objetivo deste estudo de caráter etnográfico foi analisar o significado da busca de tratamento por mulheres com transtorno depressivo atendidas em um Núcleo de Atenção Psicossocial do município de Santos, São Paulo, Brasil. Foram identificados, neste contexto: o tratamento da depressão no serviço (do encaminhamento ao atendimento, as noções de doença elaboradas pelas mulheres e o consumo de medicamentos. Ficaram evidentes: a banalização da depressão, a importância do psiquiatra e do uso de antidepressivos e ansiolíticos no tratamento. Os padrões encontrados de consumo dos medicamentos pelas mulheres sugerem a ocorrência de uma "toxicomania medicamentosa". O uso de medicamentos, além da ação farmacológica, possui uma ação simbólica, no sentido de conforto e cuidado. O trabalho aponta para a necessidade de se articularem o significado das experiências das mulheres e as abordagens terapêuticas da depressão na construção das políticas públicas de saúde mental.

    11. Variáveis facilitadoras na produção de palavras: dados de fala de crianças com Transtorno Fonológico

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Letícia Pacheco Ribas

      2015-08-01

      Full Text Available As crianças, durante o desenvolvimento da linguagem, precisam de um determinado tempo para a estabilidade de todo o sistema fonológico. No entanto, existe uma parcela da população infantil que não adquire todos os fonemas da língua materna no período esperado, caracterizando um quadro de alterações fonológicas sem uma causa conhecida. Este artigo examina a variabilidade de produção de cada consoante do português brasileiro nos dados de fala de crianças com Transtorno Fonológico, sendo delineado um panorama dessas ocorrências a partir de um grupo de variáveis linguísticas e extralinguísticas consideradas para o tratamento estatístico dos dados. Os resultados obtidos mostram que existem alvos em determinados contextos que favorecem a produção correta das palavras pelas crianças, o que facilita a proposição de diretrizes terapêuticas na clínica fonoaudiológica.

    12. Avaliação e diagnóstico do transtorno de déficit de atenção e hiperatividade (TDAH

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Rodrigo Linck Graeff

      2008-09-01

      Full Text Available O objetivo desse artigo é efetuar um estudo teórico sobre alguns dos recursos mais utilizados em termos de avaliação e diagnóstico do Transtorno de Déficit de Atenção e Hiperatividade (TDAH. O TDAH é uma patologia de alta prevalência na infância e adolescência. A prática clínica aponta uma alta incidência de crianças que procuram atendimento com diagnóstico prévio de TDAH, que muitas vezes não é correto. Os próprios estudos de prevalência mostram achados que se diferem bastante, alertando para a necessidade de se refletir sobre o processo de avaliação e diagnóstico. Este artigo visa a apontar algumas das técnicas mais utilizadas para a avaliação da criança e do adolescente, abordando o processo como um todo, tendo em vista maior confiabilidade no diagnóstico e no tratamento.

    13. Síndrome da anovulação crônica hiperandrogênica e transtornos psíquicos Hyperandrogenic chronic anovulation and psychologic disturbances

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      José Arnaldo S. Ferreira

      2006-01-01

      Full Text Available Os autores fazem uma revisão da síndrome dos ovários policísticos (SOP com relação aos seus aspectos etiopatogênicos, clínicos, diagnósticos e terapêuticos, dando ênfase aos transtornos de ordem psíquica que freqüentemente acompanham esse distúrbiio. Tecem considerações sobre a importância não só de um efetivo tratamento médico, mas também de uma abordagem e um apoio psicológico, no sentido de melhorar ainda mais o bem-estar e a qualidade de vida dessas mulheres.The authors have reviewed the main aspects of the polycystic ovary syndrome (PCOS with respect to its etiopathogenic, clinical, diagnostic and therapeutic features, highlighting the psychological distresses that frequently arise in the syndrome. They also make considerations on the importance of an effective clinical treatment as well as on the approaches and psychological support, aiming to improve women’s well-being and quality of life.

    14. O cuidado interdisciplinar à família do portador de transtorno mental no paradigma da desinstitucionalização

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Maria Angélica Pagliarini Waidman

      2005-01-01

      Full Text Available Estudio de tipo bibliográfico buscó identificar en los estudios acerca de ladesinstitucionalización y la familia las referencias sobre el cuidado multi y interdisciplinario en salud mentaly apuntar las categorias que emergen según en el tema. Fueron analizados cuarenta y una publicaciones,cuatro tesis y diez disertaciones de maestrado en enfermería, dos disertaciones de medicina y veinticincoarticulos publicados en periodicos brasileños de enfermería y de medicina. El análisis del contenido utilizadoen este estudio fue de Bardin. Fue señaladas tres categorías: crítica al cuidado ofrecido por algunos profesionales;la necesidad de preparación del profesional de la salud para cuidar de las familias del portadores de trastornomental y; la importancia del profesional de la salud como agente de desinstitutionalización y reinserción socialdel portador de transtorno mental. El trabajo interdisciplinario de la salud mental es uno de los supuestos paraque la desinstitutionalización sea eficaz, no obstante, en este estudio puede apreciarse que los profesionales dela salud presentaron dificultad para desarrollar esta forma de trabajo.

    15. Transtorno de déficit de atenção/hiperatividade à luz de uma abordagem crítica: um estudo de caso

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Isabella da Silva Arantes Pereira

      2011-04-01

      Full Text Available Este trabalho refere-se a um estudo de caso envolvendo o atendimento psicológico clínico de uma menina de seis anos, previamente diagnosticada com transtorno de déficit de atenção/hiperatividade (TDAH. Buscamos promover uma discussão do caso, mostrando sua condução e manejo na perspectiva da Psicologia histórico-cultural, a qual entende o TDAH como um fenômeno complexo e multideterminado. Discutimos também questões como: medicalização, naturalização dos comportamentos indesejáveis do aluno, bem como, a influência do contexto familiar. A partir da análise desse caso, concluímos que a atenção não deve ser concebida como uma capacidade meramente inata e cerebral, mas como fruto da relação dialética entre um organismo biológico e seu meio histórico-cultural. No tocante à escola, percebemos que esta, ao biologizar comportamentos indesejáveis do aluno, tem contribuído sobremaneira para a perpetuação de ideologias do sistema dominante, geradoras de preconceitos, exclusão e ideias reducionistas do ser humano.

    16. Personalidade de crianças com Transtorno de Déficit de Atenção e Hiperatividade (TDAH por meio do Rorschach

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Rodrigo Linck Graeff

      Full Text Available Este trabalho investiga a personalidade de crianças com Transtorno de Déficit de Atenção e Hiperatividade (TDAH por meio do Rorschach. Participaram do estudo 48 crianças do sexo masculino e feminino com idade entre 6 e 11 anos, distribuídas em dois grupos. Grupo 1 composto por 24 crianças com diagnóstico clínico- neuropsicológico prévio de TDAH Misto (desatento, hiperativo e impulsivo; Grupo 2 constituído de 24 crianças com comportamento considerado normal. Foi utilizado o t-Test para amostras independentes com nível de significância de < 0,05. Os resultados do Grupo 1 indicam impulsividade em níveis elevados, dificuldades quanto ao controle geral da personalidade e falhas na modulação e controle dos aspectos afetivo-emocionais, prejuízo na capacidade de organização, de análise e síntese, dificuldade de percepção objetiva da realidade, na capacidade de sistematização e objetividade. Constatara-se ainda no Grupo 1 ansiedade, incapacidade de introspecção e reflexão em índice maior do que no Grupo 2.

    17. Fatores psicossociais do trabalho e transtornos mentais comuns em eletricitários

      OpenAIRE

      Suerda Fortaleza de Souza; Fernando Martins Carvalho; Tânia Maria de Araújo; Lauro Antonio Porto

      2010-01-01

      OBJETIVO: Identificar aspectos psicossociais do trabalho associados a transtornos mentais comuns em trabalhadores da manutenção de equipamentos e linhas de transmissão de energia elétrica. MÉTODOS: Estudo transversal realizado com 158 trabalhadores do setor de manutenção de uma empresa de energia elétrica no Nordeste do Brasil. A variável independente principal foram os aspectos psicossociais do trabalho, medidos segundo o modelo demanda-controle (trabalho passivo, trabalho ativo, trabalho co...

    18. Perfil das atitudes de formandos em enfermagem frente aos transtornos mentais no Brasil, Chile e Peru

      OpenAIRE

      Luiz Jorge Pedrão; Sueli Aparecida Frari Galera; Maria Concepcion Pezo Silva; Angelica Cazenave Gonzalez; Moacyr Lobo da Costa Júnior; Maria Conceição Bernardo de Mello e Souza; Gricelda Uceda Senmache

      2005-01-01

      Este estudo teve por objetivo traçar um perfil de atitudes de formandos em enfermagem frente aos transtornos mentais em três culturas diferentes: Brasil, Chile e Peru. Para isso foi utilizada a escala de opiniões sobre a doença mental. Os resultados mostraram diferenças estatisticamente significantes no nível de 5% nos fatores autoritarismo, ideologia de higiene mental, restrição serial e visão minoritária, favoráveis aos estudantes brasileiros. No fator etiologia interpessoal, os resultados ...

    19. Práticas indiscriminadas de dietas de emagrecimento e o desenvolvimento de transtornos alimentares

      OpenAIRE

      Silvana Souto; Júlia Sursis Nobre Ferro-Bucher

      2006-01-01

      OBJETIVO: Discutir a utilização indiscriminada de dietas para emagrecimento, considerando os diversos níveis de incentivo de práticas para a obtenção do peso corporal apregoado como ideal nos meios de comunicação. MÉTODOS: Foi adotada a abordagem metodológica qualitativa. A partir de narrativas de mulheres portadoras de transtornos alimentares, no Município de Fortaleza, CE, buscou-se identificar as motivações e os incentivos das práticas inadequadas de controle de peso, e compreender o signi...

    20. Transtorno Dismórfico Corporal sob a perspectiva da análise do comportamento

      OpenAIRE

      Moriyama, Josy de Souza

      2003-01-01

      O Transtorno Dismórfico Corporal (TDC) é diagnosticado quando há uma preocupação tão exagerada com algum defeito mínimo ou imaginado na aparência, que traz prejuízos significativos à vida da pessoa. Buscou-se investigar o desenvolvimento e manutenção de comportamentos do TDC através de análises funcionais e do conceito de esquiva experencial proposto por Hayes, Wilson, Gifford e Follette (1996). Participaram do estudo sete pessoas com comportamentos característicos do TDC, seus familiares e q...

    1. Comorbidade em crianças e adolescentes com transtorno do déficit de atenção: resultados preliminares

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Souza Isabella

      2001-01-01

      Full Text Available Trinta e quatro crianças e adolescentes com idades entre 6 e 16 anos, com diagnóstico de transtorno do déficit de atenção com hiperatividade (TDAH segundo a DSM-IV, foram examinadas e avaliadas quanto a comorbidade com outros transtornos psiquiátricos através do questionário padronizado P-CHIPS aplicado aos pais. Observou-se expressiva ocorrência de transtornos comórbidos (85,7%, sendo o transtorno opositivo-desafiador (20,6% e o transtorno de conduta (39,2% os mais comuns. Pelo menos dois outros diagnósticos que não o de TDAH puderam ser observados em 57% da amostra. A depressão maior pode ser diagnosticada em quatro casos e quadros ansiosos (transtorno de ansiedade generalizada, ansiedade de separação e fobias foram observados em 34,3% da amostra. A presença de comorbidade altera de modo significativo o prognóstico da enfermidade e pode sugerir estratégias terapêuticas específicas dependendo de cada caso. A comorbidade frequente também pode sugerir a necessidade do uso de entrevistas diagnósticas que contemplam outros transtornos psiquiátricos.

    2. Transtorno de déficit de atenção/hiperatividade, comorbidades e situações de risco Attention deficit-hyperactivity disorder, comorbidities, and risk situations

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Marcelo C. Reinhardt

      2013-04-01

      Full Text Available OBJETIVO: O transtorno de déficit de atenção/hiperatividade (TDAH apresenta alta prevalência, e seus sintomas apresentam-se frequentemente como um problema de saúde pública considerável. Assim, o objetivo desta revisão é verificar estas situações de urgência provocadas por determinadas comorbidades, ou por expor o paciente a um maior risco de acidentes. FONTE DOS DADOS: Foi realizada uma pesquisa bibliográfica na base de dados PubMed entre os anos de 1992 e 2012, utilizando os descritores "adhd", "urgency", "comorbidity", "substance disorder", "alcohol", "eating disorder", "suicide", "trauma", "abuse", "crime", "internet", "videogame", "bullying", e suas combinações. A seleção dos artigos considerou aqueles mais relevantes de acordo com a abrangência do tema proposto, de forma não sistemática. SíNTESE DOS DADOS: Foram encontradas diversas situações em que o TDAH é o diagnóstico psiquiátrico mais relevante em relação à urgência, como risco de acidentes, risco de suicídio e adição, exposição à violência ou risco de abuso de internet ou abuso sexual; ou então o TDAH é a comorbidade mais prevalente e está igualmente correlacionada à urgência, como no transtorno de humor bipolar e nos transtornos alimentares. CONCLUSÕES: Nossos resultados mostram diversas comorbidades e situações de risco envolvendo o diagnóstico de TDAH e, assim, reforçam a importância de serem reconhecidas para um tratamento adequado deste transtorno.OBJECTIVE: Attention deficit/hyperactivity disorder (ADHD is highly prevalent, and its symptoms often represent a significant public health problem; thus, the aim of this study was to verify emergency situations caused by certain comorbidities, or by exposing the patient to a higher risk of accidents. DATA SOURCE: A literature search was carried out in the PubMed database between the years 1992 and 2012, using the key words "adhd", "urgency", "comorbidity", "substance disorder", "alcohol

    3. Analysis of distortions in children with and without phonological disorders Análise de distorções em crianças com e sem transtorno fonológico

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Haydée Fiszbein Wertzner

      2005-04-01

      Full Text Available PURPOSE: To verify using 4 different tests the incidence of distortions inchildren with and without phonological disorders. METHOD: Forty children between 4 and 10.2 years of age, divided into 2 groups: 20 with normal development and 20 with phonological disorders. All children underwent the phonology tests of the Child Language Assessment ABFW and 2 spontaneous speaking tests to assess for phonologic alterations. After recording, the data were printed, analyzed, and classified according to the distortions. Nonparametric (Mann-Whitney statistical analysis was performed with the significance level being set at P OBJETIVO: Verificar a ocorrência de distorções em sujeitos com e sem transtornos fonológicos em 4 provas diferentes. MÉTODO: Quarenta crianças, distribuídas em 2 grupos: 20 com desenvolvimento típico e 20 com transtorno fonológico, entre 4 e 10.2 anos de idade. Todas foram submetidas às provas de Fonologia do Teste de Linguagem Infantil ABFW e a duas provas de fala espontânea para confirmar a presença ou ausência das alterações fonológicas. Após a gravação dos dados, estes foram transcritos, analisados e classificados de acordo com as distorções. RESULTADOS: Através do teste não-paramétrico Mann-Whitney nota-se que o Grupo Controle difere do Grupo com Transtornos Fonológicos em todas as provas, ao nível de significância de 5%, para a Nomeação (p= 0,04, para a Imitação (p< 0,001, para a Fala Espontânea 1 (p= 0,01 e para a Fala Espontânea 2 (p=0,002. O estudo da correlação de Pearson entre a ocorrência de distorções nas quatro provas é alto. CONCLUSÃO: O Grupo com Transtorno Fonológico apresentou o maior número de distorções em todas as provas. As distorções que mais ocorreram em ambos os grupos foram /s, z, j/. O Grupo com Transtornos Fonológicos apresentou grande variabilidade nas distorções, as crianças deste grupo possuem um sistema fonológico instável, dessa forma apresentam um n

    4. Prevalence of tobacco use in individuals with severe mental illnesses, São Paulo, Brazil Prevalência de tabagismo em indivíduos com transtornos mentais graves, São Paulo, Brasil

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Lilian R C Ratto

      2007-08-01

      Full Text Available OBJECTIVE: To analyze the prevalence of cigarette smoking in individuals with severe mental illnesses in a large urban centre of a middle income country. METHODS: Cross-sectional study carried out in São Paulo. The sample (N=192 comprised individuals diagnosed with severe mental illnesses who had contact with public psychiatric care services from September to November 1997 and were aged between 18 and 65 years. Prevalence of daily tobacco smoking in the 12 months previous to the interview and characteristics associated were studied. RESULTS: Out of 192 subjects with severe mental illnesses interviewed, 115 (59.9%; 95% CI: 52.6%; 66.9% reported smoking cigarettes on a daily basis. Male gender, marital status separated or widowed, irregular use of neuroleptic drugs and history of ten or more psychiatric admissions were independently associated with cigarette smoking. CONCLUSIONS: The prevalence of cigarette smoking in the present sample was higher than that found in the general Brazilian population. Mental care services should implement non-smoking policies and mental health providers need to help patients with severe mental illness who want to quit smoking.OBJETIVO: Analisar a prevalência de tabagismo em amostra de indivíduos com transtornos mentais graves em um grande centro urbano de um país emergente. MÉTODOS: Estudo transversal realizado no município de São Paulo. A amostra (N=192 foi composta por indivíduos com diagnóstico de transtorno mental grave que tiveram contato com serviços psiquiátricos do setor público de setembro a novembro de 1997 e tinham idade entre 18 e 65 anos. O uso diário de cigarro nos 12 meses anteriores à entrevista e as características associadas a esse consumo foram investigados. RESULTADOS: Dos 192 indivíduos com transtornos mentais graves entrevistados, 115 (59,9%; IC 95%: 52,6%;66,9% referiram ter feito uso diário de cigarros. Ser do sexo masculino, ser separado ou viúvo, fazer uso irregular de

    5. Outlining new frontiers for the comprehension of obsessive-compulsive disorder: a review of its relationship with fear and anxiety Desenhando as novas fronteiras para a compreensão do transtorno obsessivo-compulsivo: uma revisão de sua relação com o medo e a ansiedade

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Juliana Belo Diniz

      2012-06-01

      ísticas do TOC e a fenomenologia e fisiopatologia dos demais transtornos de ansiedade com o intuito de dar suporte ao racional que orienta a pesquisa nesse campo. RESULTADOS: Alguns dados sobre os neurocircuitos envolvidos na manifestação dos transtornos de ansiedade foram obtidos a partir do estudo de modelos animais de ansiedade, e da neuroimagem estrutural e funcional em humanos. Esses trabalhos sugerem que no TOC, além da disfunção das vias corticoestriatais, o funcionamento do circuito amigdalocortical, essencial para a apresentação da resposta de medo e processos de extinção dessa resposta, também pode estar prejudicado. CONCLUSÃO: É provável que a ansiedade seja uma dimensão relevante do TOC, com impacto em outras características desse transtorno. Consequentemente, estudos futuros podem se beneficiar da investigação dos fenômenos de medo e ansiedade e de suas relações com os tipos de obsessões e compulsões, idade de início do TOC, comorbidades e padrões de resposta ao tratamento.

    6. Bipolar disorder and Premenstrual Syndrome or Premenstrual Dysphoric Disorder comorbidity: a systematic review Comorbidade entre o Transtorno Bipolar e Síndrome Pré-menstrual ou Transtorno Disfórico Pré-menstrual: uma revisão sistemática

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Patricia Carvalho Cirillo

      2012-12-01

      Full Text Available OBJECTIVE: This article aims to review the comorbidity of premenstrual syndrome (PMS or premenstrual dysphoric disorder (PMDD and bipolar disorder (BD, identify variables requiring further investigation and to remind physicians that special care is required for diagnosis and therapy. METHOD: A systematic review of articles published from 1987 to February 2012 was conducted in the Medline database with the following terms: (premenstrual syndrome OR premenstrual dysphoric disorder OR premenstrual AND (bipolar OR mania OR manic. Seventeen articles were analyzed. RESULTS: PMS and PMDD were most often comorbid among BD-II patients and vice versa. Moreover, patients with PMS or PMDD also have an increased risk of having BD-I. In addition, bipolar women susceptible to hormonal changes exhibit more severe symptoms, more frequent relapses and a worse therapeutic response. CONCLUSION: Future investigations should attempt to stabilize hormonal levels through the continuous use of contraceptives to target a reduction in symptom severity. In addition, psychiatrists should note menstrual period dates and compare symptom intensity between the luteal and follicular phases. Finally, PMS and PMDD patients should be studied separately.OBJETIVO: Esse artigo tem como objetivo revisar a comorbidade entre a Síndrome Pré-Menstrual (SPM ou Transtorno Disfórico Pré-Menstrual (TDPM e o Transtorno Bipolar (TB, identificar as variáveis que exigem uma investigação mais aprofundada e lembrar os médicos que as mulheres necessitam de cuidados especiais para diagnóstico e tratamento. MÉTODO: Foi realizada uma revisão sistemática de 1987 a fevereiro de 2012 através da base de dados Medline utilizando os seguintes descritores: (premenstrual syndrome OR premenstrual dysphoric disorder OR premenstrual AND (bipolar OR mania OR manic. Dezessete artigos foram analisados. RESULTADOS: Pacientes com SPM ou TDPM possuem comorbidade com TB-II com maior frequência e vice

    7. Condições de vida e estrutura ocupacional associadas a transtornos mentais comuns Living conditions and occupational organization associated with common mental disorders

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Ana Bernarda Ludermir

      2002-04-01

      Full Text Available OBJETIVO: Determinar a prevalência de transtornos mentais comuns e analisar sua associação a condições de vida e inserção na estrutura ocupacional. MÉTODOS: Estudo transversal conduzido em 1993, em Olinda, PE, envolvendo 621 adultos de 15 ou mais anos em uma amostra domiciliar aleatória, aos quais se aplicaram o Self Reporting Questionnaire (SRQ-20 e um questionário socioeconômico. Estimaram-se os odds-ratios (OR simples e ajustados, utilizando-se regressão logística. RESULTADOS: A prevalência total dos transtornos mentais comuns (TMC foi de 35%. As variáveis relativas às condições de vida foram ajustadas entre si e por sexo, idade e situação conjugal. Apenas escolaridade (pOBJECTIVE: To determine the prevalence of common mental disorders (CMD and evaluate their association with living conditions and occupational organization. METHODS: A cross-sectional survey of a random sample of private households was carried out in Olinda, Brazil, in 1993. The sample consisted of 621 adults aged 15 years or over and the participants were interviewed using the Self-Reporting Questionnaire (SRQ-20 and a second questionnaire on social and economic characteristics. Crude and adjusted odds ratios were estimated using logistic regression analysis. RESULTS: The overall prevalence of CMD was 35%. Only the variables education level (p<0.0001 and housing conditions (p=0.02 showed an independent association with CMD after adjustment for other living conditions variables, sex, age and marital status. Regarding occupational organization, non-regulated blue-collar workers (OR=2.21; 95% CI 1.1-4.5 and subjects with the lowest per capita monthly household income (OR=2.87; 95%CI 1.4-5.8 showed a higher prevalence of CMD. CONCLUSIONS: Lower education level and income, exclusion from the law regulated labor market, and social class structure produce stressful situations increasing CMD.

    8. Comorbid anxiety and depression disorders in patients with chronic pain Transtornos ansiosos e depressivos em pacientes com dor crônica

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Martha Castro

      2009-12-01

      Full Text Available OBJECTIVE: To evaluate the frequency of anxiety and depression disorders in patients with chronic pain. METHOD: Patients receiving care at the pain clinic of the Federal University of Bahia between February 2003 and November 2006. The MINI PLUS - Mini International Neuropsychiatric Interview was used to evaluate the patients and establish psychiatric diagnoses. RESULTS: 400 patients were evaluated mean age was 45.6±11.37 years; 82.8% were female, 17.3% male; 48.5% were married; 55.1% were Catholics; and 40.5% had only high school education. Of these 29.9% reported intense pain and 70.8% reported suffering pain daily. The most frequent medical diagnosis was herniated disc (24.5%, and 48.5% of patients had been undergoing treatment at the pain clinic for less than 3 months. Comorbidities found were depressive episodes (42%, dysthymia (54%, social phobia (36.5%, agoraphobia (8.5% and panic disorder (7.3%. CONCLUSION: Psychiatric comorbidities are prevalent in patients suffering chronic pain.OBJETIVO: Avaliar a freqüência de transtornos ansiosos e depressivos em pacientes com dor crônica. MÉTODO: Os pacientes foram avaliados na clínica da dor da Universidade Federal da Bahia entre fevereiro 2003 e novembro 2006. O Mini-plus - entrevista neuropsiquiátrica internacional foi usado para estabelecer diagnósticos psiquiátricos nos pacientes. RESULTADOS: Foram avaliados 400 pacientes com idade média de 45,6±11,37 anos; 82,8% eram mulheres, homens 17,3%; 48,5% eram casados; 55,1% católicos; e 40,5% concluíram o segundo grau, 29,9% relataram dor intensa e 70,8% relataram sentir dor diariamente. O diagnóstico médico o mais freqüente foi hérnia de disco (24,5%, e 48,5% dos pacientes submeteu-se ao tratamento na clínica da dor por menos de 3 meses. Comorbidades encontradas foram episódios depressivos (42%, distimia (54%, fobia social (36,5%, agorafobia (8,5% e transtorno de pânico (7,3%. CONCLUSÃO: Comorbidades psiquiátricas s

    9. Evolução nutricional de pacientes com transtornos alimentares: experiência de 30 anos de um Hospital Universitário

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Raphaela Fernanda Muniz Palma

      2013-12-01

      Full Text Available OBJETIVO: Descrever a evolução do estado nutricional e dos parâmetros bioquímicos de pacientes com anorexia nervosa e bulimia nervosa internados para tratamento durante seguimento em serviço especializado. MÉTODOS: Foram revisados todos os prontuários dos pacientes em seguimento pelo serviço de 1982 a 2011, que foram internados para tratamento. Dados sociodemográficos, peso, altura e exames bioquímicos foram coletados no início e final da internação. RESULTADOS: No período referido, 83 pacientes com diagnóstico de anorexia ou bulimia nervosa foram internados para tratamento. A maioria era do sexo feminino (95,2% raça branca (94,0%, solteira (76,0% e sem filhos (78,3%. O diagnóstico predominante foi de anorexia nervosa (85,5%, sobretudo em seu tipo restritivo (54,2%. O índice de massa corporal médio dos pacientes adultos (n=41 evoluiu de 16,53±4,9 para 17,47±4,3kg/m² (p<0,05. Para as crianças e adolescentes (n=38, passou de 13,78±2,57 para 15,11±2,99kg/m² (p<0,05. Os valores médios da maioria dos parâmetros bioquímicos estavam dentro do limite da normalidade e, apenas o betacaroteno, manteve-se em níveis médios acima da normalidade no início e final da internação. Os valores de albumina, hematócrito, lipoproteína de alta densidade e potássio melhoraram ao final da internação (p<0,05. CONCLUSÃO: A hospitalização integral, apesar das dificuldades e da complexidade inerentes ao tratamento dos transtornos alimentares, considerando-se principalmente a resistência frente à recuperação do peso, pode proporcionar melhoria no estado nutricional e normalização de diversos parâmetros bioquímicos.

    10. Apresentação de uma versão em português para uso no Brasil do instrumento MTA-SNAP-IV de avaliação de sintomas de transtorno do déficit de atenção/hiperatividade e sintomas de transtorno desafiador e de oposição A Brazilian version of the MTA-SNAP-IV for evaluation of symptoms of attention-deficit/hyperactivity disorder and oppositional-defiant disorder

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Paulo Mattos

      2006-12-01

      Full Text Available O instrumento SNAP-IV foi desenvolvido para avaliação de sintomas do transtorno do déficit de atenção/hiperatividade em crianças e adolescentes. Pode ser preenchido por pais ou professores e emprega os sintomas listados no Manual de Diagnóstico e Estatística das Perturbações Mentais (DSM-IV para transtorno do déficit de atenção/hiperatividade (critério A e transtorno desafiador e de oposição (TDO. OBJETIVOS: Elaborar uma versão em português, para uso no Brasil, do SNAP-IV utilizado no Multimodal Treatment Assessment Study. MÉTODO: Foi empregada uma metodologia de tradução, retrotradução, avaliação de equivalência semântica, sondagem na população-alvo e escolha de versão final. RESULTADOS: Após as etapas de tradução e retrotradução, 20 itens foram considerados semelhantes, seis foram considerados aproximados, e cinco, diferentes da sua versão original em inglês. A versão final foi escolhida após diversas considerações, incluindo a semelhança com o original, a facilidade de compreensão e a maior equivalência dos termos em diferentes regiões sociogeográficas do Brasil. CONCLUSÃO: A versão em português do SNAP-IV obtida permitirá um rastreio de sintomas de transtorno do déficit de atenção/hiperatividade e transtorno desafiador e de oposição de modo correspondente à versão original.The SNAP-IV questionnaire was developed to evaluate symptoms of attention-deficit/hyperactivity disorder in children and adolescents. It can be fulfilled by parents or teachers and consists of the symptoms listed in the Diagnostic and Statistical Manual of Mental Disorders (DSM-IV for attention-deficit/hyperactivity disorder (criterion A and oppositional-defiant disorder. OBJECTIVES: To develop a version of the SNAP-IV used in the Multimodal Treatment Assessment Study to be applied in Brazil. METHODS: Translation, back-translation, evaluation of semantic equivalence, debriefing and definition of a final version was

    11. Pedofilia, transtorno bipolar e dependência de álcool e opioides Paedophilia, bipolar disorder and alcohol and opioid dependence

      OpenAIRE

      Vanessa Fabiane Machado Gomes Marsden

      2009-01-01

      Diversos estudos investigaram a relação entre psicopatologia e parafilias, especialmente pedofilia. Transtornos de humor e ansiedade, seguidos de transtornos relacionados ao uso de substâncias, são as comorbidades mais prevalentes em pacientes com parafilias. Apresentou- se o caso de um paciente em tratamento para dependência de substâncias (álcool e heroína), transtorno bipolar e pedofilia. É importante frisar que poucos casos relatando comorbidades como essas foram descritos na literatura.M...

    12. Sistema purinérgico em linhagem T24 de tumor de bexiga : identificação dos receptores e caracterização das ecto-nucleotidases

      OpenAIRE

      Joseli Stella

      2006-01-01

      Tumor de bexiga é o tipo de tumor mais comum que ocorre no trato urinário, originado a partir do epitélio estratificado da bexiga. A incidência em homens é maior do que em mulheres, está associado com a industrialização e relacionado com a origem ocupacional do paciente. Mais de 90% dos tumores de bexiga são devidos a alterações neste epitélio, sendo o principal tipo, o tumor nas células transicionais. A linhagem T24 de tumor de bexiga humana tem sido usada como modelo de tumor invasivo de be...

    13. Glutamate modulators as novel interventions for mood disorders Moduladores de glutamato como novas intervenções em transtornos do humor

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Sanjay J Mathew

      2005-09-01

      Full Text Available Recent evidence suggests that critical molecules in neurotrophic signaling cascades are long-term targets for currently available monoaminergic antidepressants. As chronic and severe mood disorders are characterized by impairments in neuronal resilience, pharmacological strategies that subserve a neuroprotective function might alter disorder pathophysiology and modify disease progression. Several promising approaches involve modulation of the glutamate neurotransmitter system, via post-synaptic receptor blockade or potentiation and presynaptic vesicular release inhibition. A focused review of the extant scientific literature was conducted, with a discussion of 3 compounds or classes of drugs currently undergoing clinical investigation: ketamine, riluzole, and AMPA receptor potentiators. Recent investigations in mood disordered patients suggest that the NMDA receptor antagonist ketamine might demonstrate rapid antidepressant properties. Riluzole has been shown to reverse glutamate-mediated impairments in neuronal plasticity and to stimulate the synthesis of brain derived neurotrophic factor. Open-label trials in treatment-resistant depression have yielded promising results. Likewise, AMPA receptor potentiators favorably impact neurotrophic factors as well as enhance cognition. CONCLUSIONS: Pharmacological approaches that modulate components of the glutamate system offer novel targets for severe, recurrent mood disorders. Controlled studies are necessary.Recentes evidências sugerem que as moléculas críticas nas cascatas de sinalização neurotrófica são alvos de longo prazo dos antidepressivos monoaminérgicos disponíveis atualmente. Na medida em que transtornos graves e crônicos são caracterizados por deficiências na resiliência neuronal, estratégias farmacológicas que sejam úteis para uma função neuroprotetora talvez possam alterar a fisiopatologia e modificar a progressão da doença. Vários enfoques promissores envolvem a

    14. Mortalidade por transtornos mentais e comportamentais e a reforma psiquiátrica no Brasil contemporâneo

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Fernando Portela Câmara

      2008-06-01

      Full Text Available A mortalidade por transtornos mentais e comportamentais têm aumentado no Brasil com a redução progressiva das internações hospitalares. A reforma psiquiátrica do governo aparentemente está contribuindo para este cenário preocupante, com sua política de desospitalização.

    15. Imagem corporal e transtornos alimentares em atletas adolescentes: uma revisão

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Leonardo de Sousa Fortes

      2013-12-01

      Full Text Available O objetivo do presente estudo foi realizar uma revisão da literatura sobre os temas "Imagem corporal" e "Transtornos alimentares na população de atletas adolescentes". Foram realizadas buscas eletrônicas nas seguintes bases de dados: "Web of Science", "SciELO", "Scopus", "Pubmed", "Medline", e "Lilacs". Como descritores, utilizaram-se os termos "body image" e "eating disorders", indexados no sistema de Descritores em Ciência da Saúde (DeCs/MeSH, e também os termos associados "body dissatisfaction", "athletes", "adolescence" e "teenager". O período compreendido pelas buscas foi de 2002 a 2012. Os resultados evidenciaram a existência de centenas de investigações sobre os temas na população adolescente, mas foram escolhidas somente as pesquisas no contexto esportivo. Os achados demonstraram algumas controvérsias. De qualquer forma, acredita-se que exista associação entre imagem corporal e transtornos alimentares em atletas, porém é necessário desenvolver pesquisas neste campo para responder a tais dúvidas, por isso são incentivadas pesquisas com estas variáveis.

    16. Oficinas de estimulação cognitiva adaptadas para idosos analfabetos com transtorno cognitivo leve

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Izabel Borges dos Santos

      2012-12-01

      Full Text Available Oficinas de estimulação cognitiva para idosos analfabetos com transtorno cognitivo leve é um tema pouco pesquisado. Objetivou-se verificar a autopercepção da memória em idosos analfabetos com transtorno cognitivo leve, antes e após oficinas de estimulação cognitiva, adaptadas para analfabetos. Trata-se de uma pesquisa qualitativa, realizada na Unidade de Saúde de Taguatinga-DF, envolvendo 63 idosos: 22 no Grupo Experimental (GE, com 10 oficinas; 21 no Grupo Controle 1 (GC1, com 10 palestras; e 20 no Grupo Controle 2 (GC2, sem intervenção. Foram realizadas entrevistas semiestruturadas antes e após intervenções, perguntando-se sobre memória. Aos GE e GC1 foram oferecidas atividades semanais de duas horas. A idade média foi 72,8 anos, 92% do sexo feminino. Na pré-intervenção, 82% haviam piorado memória no último ano. Na pós-intervenção, GC1 e GC2 mantiveram alterações da memória, enquanto GE melhorou cognição. Conclui-se que as oficinas e palestras proporcionaram melhora na funcionalidade e socialização/integração.

    17. O ciúme enquanto sintoma do transtorno obsessivo-compulsivo

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Torres Albina Rodrigues

      1999-01-01

      Full Text Available O ciúme patológico (CP é um problema importante para a psiquiatria, que envolve riscos e muito sofrimento, podendo ocorrer em diversos transtornos mentais. Psicopatologicamente pode se apresentar de formas distintas, tais como idéias obsessivas, prevalentes ou delirantes sobre infidelidade. Entretanto, sua apresentação no transtorno obsessivo-compulsivo (TOC, como uma obsessão em geral associada a rituais de verificação, é relativamente pouco documentada. Para discutir esse aspecto específico do CP, este trabalho é ilustrado com quatro casos clínicos selecionados, em que o CP tem tais características, abordando aspectos de diagnóstico e tratamento. A compreensão de alguns casos de CP como uma manifestação do TOC, mesmo quando não claramente egodistônica, amplia as possibilidades terapêuticas e pode melhorar o prognóstico.

    18. Relações entre abuso sexual na infância, transtorno de estresse pós-traumático (TEPT) e prejuízos cognitivos Relaciones entre abuso sexual en la infancia, trastorno de estrés post-traumático (TEPT) y perjuicios cognitivos Relationships between sexual abuse in childhood, post-traumatic stress disorder (PTSD) and cognitive impairments

      OpenAIRE

      Jeane Lessinger Borges; Débora Dalbosco Dell'Aglio

      2008-01-01

      Este estudo teórico aponta as relações entre abuso sexual infantil, transtorno de estresse pós-traumático (TEPT) e prejuízos cognitivos. A perspectiva cognitiva dos efeitos do abuso sexual e do TEPT foi adotada nesta revisão. O abuso sexual contra crianças pode ser considerado um fator de risco para o desenvolvimento infantil, devido às severas seqüelas cognitivas, emocionais e comportamentais relacionadas à sua ocorrência, podendo seu impacto envolver efeitos a curto e longo prazos e estende...

    19. Diagnóstico e tratamento de transtorno bipolar e TDAH na infância: desafios na prática clínica Diagnosis and treatment of bipolar disorder and ADHD on childhood: challenges in the clinical practice

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      César de Moraes

      2007-01-01

      Full Text Available O transtorno de humor bipolar (THB e o transtorno do déficit de atenção e hiperatividade (TDAH são enfermidades graves, de evolução crônica e que geram forte impacto social, familiar e educacional. Por compartilharem sintomas comuns e freqüentemente se apresentarem em comorbidade, o seu diagnóstico diferencial torna-se difícil, porém imprescindível, visto que medicamentos utilizados no tratamento do TDAH podem agravar a bipolaridade em crianças não tratadas. São encontradas taxas que variam de 49% a 87% de diagnóstico de TDAH em crianças e adolescentes com THB. Crianças com ambos os transtornos têm um curso geralmente mais grave. São indivíduos com taxas maiores de sintomas psicóticos, depressão, problemas escolares, hospitalização, ansiedade e comportamentos disruptivos. A criança com transtorno de humor bipolar TDAH deve iniciar o tratamento com estabilizadores de humor, visto que o impacto dos sintomas maníacos é maior do que o dos sintomas de TDAH. Se os sintomas de desatenção, impulsividade e hiperatividade persistem após a estabilização do humor, pode-se preconizar o tratamento para o TDAH com o uso de psicoestimulantes.Bipolar mood disorder (BD and attention deficit hyperactivity disorder (ADHD are serious maladies with chronic course, with strong social, familial and educational impact. Since both of them may present similar symptomatology and may also occur as comorbidity, the differential diagnosis can be considered difficult. However the medication used for the treatment of ADHD can aggravate BD in children who are not treated. Rates raging from 49% to 87% ADHD are described in children and adolescents with BD. Children who present both disorders have a more serious course and present higher rates of psychotic symptoms, depression, learning problems, hospitalization, anxiety and disruptive behavior. Children with BD and ADHD should start treatment with mood stabilizers, whereas the impact of the maniac

    20. The use of a manual-driven group cognitive behavior therapy in a Brazilian sample of obese individuals with binge-eating disorder Utilização de terapia cognitivo-comportamental em grupo baseada em manual em uma amostra brasileira de indivíduos obesos com transtorno da compulsão alimentar periódica

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Mônica Duchesne

      2007-03-01

      Full Text Available OBJECTIVE: To assess the effectiveness of a manual-based cognitive behavior therapy adapted to a group format in a sample of Brazilian obese subjects with binge-eating disorder. METHOD: In an open trial, 21 obese subjects with binge-eating disorder received a group cognitive-behavioral therapy program. Changes in binge-eating frequency, weight, body shape concerns, and depressive symptoms were compared between baseline and the end of the study. RESULTS: The mean frequency of binge-eating episodes significantly decreased from baseline to post-treatment (p OBJETIVO: Avaliar a efetividade da terapia cognitivo-comportamental baseada em um manual adaptado para o formato de grupo em uma amostra brasileira de obesos com transtorno da compulsão alimentar periódica. MÉTODO: Em um estudo aberto, 21 pacientes obesos com transtorno da compulsão alimentar periódica participaram de um programa da terapia cognitivo-comportamental em grupo. A freqüência da compulsão alimentar, o peso corporal, o grau de satisfação com a forma corporal e os sintomas depressivos foram avaliados no início do tratamento e no final do estudo. RESULTADOS: Houve uma redução estatisticamente significativa da freqüência média de episódios de compulsão alimentar entre a linha de base e o final do tratamento (p < 0,001, com uma taxa de remissão de episódios no final do estudo de 76,1%. Foi observada, também, uma redução significativa dos sintomas depressivos e da insatisfação com a forma corporal (p < 0,001. Adicionalmente, a perda de peso foi clínica e estatisticamente significativa. CONCLUSÃO: A utilização de terapia cognitivo-comportamental baseada em um manual adaptado para o transtorno da compulsão alimentar periódica resultou em melhora significativa da compulsão alimentar, do peso corporal, da preocupação com a forma corporal e dos sintomas depressivos associados ao transtorno da compulsão alimentar periódica nessa amostra.

    1. A abordagem evolucionista do transtorno de personalidade anti-social El enfoque evolucionista del Trastorno de Personalidad Anti-Social (TPAS The evolutionary approach to the Antisocial Personality Disorder (ASPD

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Silvio José Lemos Vasconcellos

      2004-04-01

      Full Text Available O principal objetivo do presente artigo é discutir a abordagem evolucionista do Transtorno de Personalidade Anti-Social (TPAS. São abordados os principais argumentos desenvolvidos no âmbito da Psicologia Evolucionista que tentam evidenciar o caráter adaptativo deste transtorno num ambiente primitivo de interação social. Ao longo do artigo, são enfocados os principais pressupostos vinculados ao paradigma evolucionista e suas implicações na compreensão filogenética de um dos transtornos que mais amplamente demanda análises e investigação na esfera da Psiquiatria. São também discutidas algumas adequações e inadequações do citado modelo e seu valor explanatório para a compreensão da atual prevalência do TPAS.El objetivo principal de este articulo es discutir el enfoque evolucionista del Trastorno de Personalidad Anti-Social (TPAS. Se analizan los principales argumentos desarrollados por la Sicología Evolucionista que tratan de dejar en evidencia el carácter adaptativo de este trastorno bajo un ambiente primitivo de interacción social. A lo largo del artículo se enfocan las principales suposiciones relacionadas con el paradigma evolucionista y sus vínculos con la comprensión filogenética de uno de los trastornos que más demanda análisis en el ámbito de la Psiquiatria. También se discuten algunas adecuaciones e inadecuaciones del modelo evolucionista y su valor explanatorio para entender la actual prevalencia de TPAS.The main purpose of this article is to discuss the evolutionary approach to the Antisocial Personality Disorder (ASPD. The main arguments developed in Evolutionary Psychology are discussed, which tend to show the adaptive character of this disorder in a primitive environment of social interaction. Throughout the article, the main assumptions connected to the evolutionary paradigm are focused on, and their implications in the philogenetic understanding of one of the disorders that has required the broadest

    2. Generalized anxiety disorder and the Hamilton Anxiety Rating Scale in Parkinson's disease Transtorno de ansiedade generalizada e a Escala de Ansiedade de Hamilton na doença de Parkinson

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Arthur Kummer

      2010-08-01

      Full Text Available Anxiety is common in Parkinson's disease (PD, but studies concerning specific anxiety disorders are scarce. Essential psychometric properties of anxiety rating scales are also lacking. OBJECTIVE: To investigate general anxiety disorder (GAD in PD and psychometric properties of the Hamilton Anxiety Rating Scale (Ham-A. METHOD: Ninety-one PD patients underwent neurological and psychiatric examination, which included the MINI-Plus, the Ham-A and the Hamilton Depression Rating Scale (Ham-D. RESULTS: GAD was present in 30.8% of PD patients. Patients with GAD had longer disease duration (p=0.044 and were in use of higher doses of levodopa (p=0.034. They also tended to have more motor fluctuations and dyskinesias. The group with GAD scored higher in Ham-A (pAnsiedade é comum na doença de Parkinson (DP, mas estudos sobre transtornos de ansiedade específicos são ainda escassos. Faltam também estudos sobre propriedades psicométricas essenciais das escalas de ansiedade. OBJETIVO: Investigar o transtorno de ansiedade generalizada (TAG na DP e propriedades psicométricas da Escala de Ansiedade de Hamilton (Ham-A. MÉTODO: Noventa e um pacientes com DP se submeteram a exames neurológico e psiquiátrico, que incluiu o MINI-Plus, a Ham-A e a Escala de Depressão de Hamilton (Ham-D. RESULTADOS: TAG esteve presente em 30,8% dos participantes. Pacientes com TAG tinham maior duração de doença (p=0,044 e estavam em uso de maiores doses de levodopa (p=0,034. Também havia uma tendência desses pacientes terem mais flutuações motoras e discinesias. O grupo com TAG pontuou mais alto na Ham-A (p<0,001, nas subescalas somática (p<0,001 e psíquica da Ham-A (p<0,001, e na Ham-D (p=0,004. A Ham-A mostrou boa consistência interna (alfa de Cronbach=0,893 e um ponto de corte de 10/11 é sugerido para triar o TAG. CONCLUSÃO: TAG é freqüente na DP e a Ham-A pode ser um instrumento útil para triar esse transtorno.

    3. Direito à saúde mental no sistema prisional: reflexões sobre o processo de desinstitucionalização dos HCTP

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Marden Marques Soares Filho

      2016-07-01

      Full Text Available Resumo O presente estudo tem por objetivo discutir a estreita relação entre a saúde mental, o sistema de justiça criminal e o sistema prisional, cujas interfaces concretas são o hospital de custódia e tratamento psiquiátrico (HCTP e a pessoa com transtorno mental em conflito com a lei. Serão apresentadas amplas discussões sobre a Lei de Execução Penal e a Lei da Reforma Psiquiátrica brasileira, bem como das ações intersetoriais adotadas pelo Judiciário e pelo Governo Federal (Sistema Único de Saúde - SUS e Sistema Único de Assistência Social - SUAS para adequar o sistema de justiça criminal e o sistema prisional à luta antimanicomial. Serão também apresentadas duas experiências exitosas nos estados de Minas Gerais e de Goiás, que lastraram o surgimento de uma nova estratégia na política pública de saúde: o Serviço de Avaliação e Acompanhamento de Medidas Terapêuticas Aplicáveis à Pessoa com Transtorno Mental em Conflito com a Lei, dispositivo conector entre os Sistemas, disposto a atuar no processo de desinstitucionalização das pessoas com transtornos mentais dos HCTP.

    4. Particularities of family planning in women with mental disorders Particularidades de la planificación familiar de mujeres portadoras de trastorno mental Particularidades do planejamento familiar de mulheres portadoras de transtorno mental

      Directory of Open Access Journals (Sweden)

      Tatiane Gomes Guedes

      2009-10-01

      particularidades en el planificación familiar de ese público. No hubo asociación estadística entre los diagnósticos médicos y el uso correcto o incorrecto de los métodos anticonceptivos. Las mujeres portadoras de trastorno mental presentan una demanda para la atención de la planificación familiar específica e integral.Objetivou-se identificar o perfil gineco-obstétrico de mulheres portadoras de transtorno mental, verificar a associação entre diagnóstico médico de transtorno mental e uso correto/incorreto dos métodos anticoncepcionais e verificar diagnósticos, frequência de internações e variedades de medicamentos consumidos. Participaram 255 mulheres atendidas em um Centro de Atenção Psicossocial. Os dados foram coletados por meio de revisão de prontuário e entrevista estruturada. A hereditariedade de alguns transtornos mentais, internação psiquiátrica como causa de interrupção da anticoncepção, uso de anticoncepcionais que independem do controle pessoal, interação medicamentosa entre psicotrópicos e anticoncepcionais orais, participação do parceiro e/ou de familiares na escolha reprodutiva e prática anticonceptiva constituíram particularidades no planejamento familiar desse público-alvo. Não houve associação estatística entre os diagnósticos médicos e uso correto ou incorreto dos métodos anticoncepcionais. Mulheres portadoras de transtorno mental possuem demanda para atendimento de planejamento familiar específico e integral.

    5. Transtornos alimentares comórbidos em uma amostra clínica de adultos com transtorno do déficit de atenção com hiperatividade Comorbid eating disorders in a Brazilian Attention-D