WorldWideScience

Sample records for circadiana da temperatura

  1. Análisis de la salud circadiana como factor predictivo de éxito en la pérdida de peso

    OpenAIRE

    Bandín Saura, María Cristina

    2015-01-01

    OBJETIVOS: Objetivo 1: Investigar la relación entre la pérdida de peso y la ritmicidad circadiana, utilizando la temperatura de la muñeca y mediciones de actimetría, en mujeres sometidas a un programa de pérdida de peso, con el fin de evaluar si la ritmicidad circadiana pudiera ser un marcador de la eficacia de los tratamientos de pérdida de peso. Objetivo 2: Investigar los efectos de los cambios en el horario de las comidas sobre el gasto de energía, la tolerancia a la glucosa y variables ci...

  2. Análisis de la salud circadiana como factor predictivo de éxito en la pérdida de peso

    OpenAIRE

    Bandín Saura, María Cristina

    2015-01-01

    OBJETIVOS: Objetivo 1: Investigar la relación entre la pérdida de peso y la ritmicidad circadiana, utilizando la temperatura de la muñeca y mediciones de actimetría, en mujeres sometidas a un programa de pérdida de peso, con el fin de evaluar si la ritmicidad circadiana pudiera ser un marcador de la eficacia de los tratamientos de pérdida de peso. Objetivo 2: Investigar los efectos de los cambios en el horario de las comidas sobre el gasto de energía, la tolerancia a la glucosa y variab...

  3. Tipología circadiana y problemas de salud mental

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Juan M. Antúnez

    2014-10-01

    Full Text Available La tipología circadiana (matutina, vespertina o intermedia es una diferencia individual que se ha relacionado con numerosos aspectos de la salud mental. En este estudio se revisan los principales hallazgos publicados en el área. Tras la búsqueda bibliográfica en las principales bases de datos se seleccionaron un total de 70 artículos publicados en castellano e inglés entre los años 1990 y 2012, recogidos en las bases de datos ISI, Scopus y Medline, donde se muestra que los individuos vespertinos presentan una mayor prevalencia de trastorno afectivo estacional, depresión mayor, trastorno bipolar, esquizofrenia, trastornos de la conducta alimentaria, trastornos del sueño, conductas adictivas, TDAH y mayores niveles de ansiedad que los matutinos. La tipología vespertina se perfila como un factor de riesgo y la matutina como un factor protector para el desarrollo de diversas psicopatologías, apuntándose como posibles causas polimorfismos de los genes reloj, el jet-lag social y algunos rasgos de personalidad. La tipología circadiana debe considerarse en la evaluación, tratamiento y prevención de las psicopatologías, pues afecta al inicio, curso, remisión y recaída de las mismas. La utilización de terapia cronobiológica es un factor a tener en cuenta en el abordaje terapéutico cuando la expresión rítmica circadiana se halla alterada.

  4. Há equivalência entre a temperatura da membrana timpânica e a temperatura retal em ovinos Santa Inês normotérmicos?

    OpenAIRE

    Del Campo,Claudia; Boere,Vanner

    2008-01-01

    A utilização do termômetro de raios infravermelhos para a aferição da temperatura timpânica em animais tem se tornado uma alternativa prática na clínica veterinária. Em ovinos, a mensuração da temperatura timpânica não foi suficientemente comparada com a aferição da temperatura retal. Este estudo avaliou a equivalência entre a temperatura timpânica e a temperatura retal em 16 ovinos da raça Santa Inês. Durante a coleta de dados, a temperatura e a umidade relativa do ar foram monitoradas e não...

  5. MONITORAMENTO DA TEMPERATURA NO INTERIOR DE CHAPAS AGLOMERADAS DURANTE O PROCESSO DE PRENSAGEM

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Elio José Santini

    2005-03-01

    Full Text Available O objetivo do presente trabalho foi analisar o comportamento da temperatura nas faces e no miolo de chapas de partículas aglomeradas, coladas com 8% de adesivo (base peso seco das partículas tanino-formaldeído. As chapas foram produzidas com três repetições por tratamento, com massa específica nominal de 0,7 g/cm³ e pressão específica de prensagem de 27 kgf/cm². Os tratamentos basearam-se na utilização de flocos de pinus (Pinus elliottii e partículas de eucalipto (Eucalytus sp, sendo que os flocos de pinus apresentavam três diferentes comprimentos nominais (40, 75 e 110 mm e duas espessuras (0,5 e 1,0 mm. Também foram analisados duas temperaturas de prensagem (140 e 180°C e dois teores de umidade nominal do colchão (17 e 21%. A temperatura no interior dos painéis durante a prensagem foi obtida por meio de fios para termopares tipo K (cromo-alumel. Os gráficos da temperatura em função do tempo de prensagem mostraram uma rápida elevação da temperatura nos primeiros 100 segundos de prensagem, mantendo-se num plateau possivelmente após atingir a temperatura de ebulição da água. A temperatura voltou a aumentar, de forma mais gradual, após a perda de grande parte da umidade do colchão. Observa-se que colchões formados por flocos de maior espessura apresentaram elevação mais rápida de temperatura no miolo. O principal fator que influenciou na velocidade de elevação da temperatura no miolo dos painéis aglomerados foi o teor de umidade do colchão, sendo que quanto maior o teor de umidade, mais rápida foi a elevação da temperatura.

  6. Efeito da temperatura e velocidade do ar sobre a taxa de secagem da madeira de Pinus elliottii Engelm.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Elio José Santini

    2010-08-01

    Full Text Available Para avaliar o efeito da temperatura e velocidade do ar sobre a taxa de secagem, peças de madeira de Pinus elliottii de 25 x 125 x 750 mm foram submetidas à secagem em estufa semi-industrial de convecção forçada. O processo foi conduzido para duas temperaturas e duas velocidades de ar e controlado por meio de um sistema computadorizado. Os resultados mostraram que a taxa de secagem tem uma relação diretamente proporcional com a temperatura, velocidade do ar e umidade da madeira. Por meio da análise de regressão múltipla detectou-se efeito estatisticamente significativo da temperatura e da velocidade do ar sobre a taxa e o tempo de secagem, com um nível de confiança de 99%. Como a importância da velocidade do ar na secagem decresce com a diminuição do teor de umidade, sugere-se, por razões de economia, mais investigações acerca das relações entre as duas variáveis durante o período de taxa de secagem decrescente.

  7. Influência da temperatura e da duração do molhamento foliar na severidade do míldio da cebola

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Leandro Luiz Marcuzzo

    Full Text Available RESUMO No presente trabalho foram estudadas, em condições controladas para o desenvolvimento de um modelo climático baseado na influência da temperatura (10, 15, 20 e 25°C e da duração do molhamento foliar (6, 12, 24 e 48 horas na severidade do míldio da cebola incitado por Peronospora destructor. A densidade relativa de lesões foi influenciada pela temperatura e pela duração do molhamento foliar (P<0,05. A doença foi mais severa na temperatura de 15°C. Os dados foram submetidos à análise de regressão não linear. A função beta generalizada foi usada para ajuste dos dados de severidade e temperatura, enquanto uma função logística foi escolhida para representar o efeito do molhamento foliar na severidade do míldio da cebola. A superfície de resposta obtida pelo produto das duas funções foi expressa por SE = 0,1506 * (((x-80,0614 * ((30-x0,1419 * (0,71642/(1+0,56954 * exp (-0,04460*y, onde SE, representa o valor da severidade estimada (0,1; x, a temperatura (ºC e y, o molhamento foliar (horas. Este modelo climático deverá ser validado em condições de campo para aferir o seu emprego como um sistema de previsão computacional para o míldio da cebola

  8. Relação entre a temperatura e o molhamento foliar no monocíclo da Sigatoka-negra

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cleilson do Nascimento Uchôa

    2012-06-01

    Full Text Available A influência da temperatura (21, 24, 27 e 30 °C e da duração do tempo de molhamento foliar (0, 12, 24, 48 e 72 horas na penetração do agente causal da Sigatoka-negra (Mycosphaerella fijiensis foi quantificada em ambiente controlado. A área abaixo da curva do progresso da doença (AACPD e a incidência foram influenciadas pela temperatura e pela duração do tempo de molhamento foliar. Foram constatadas diferenças significativas (P=0,05 nos valores da AACPD para as diferentes temperaturas, bem como verificada a interação significativa (P=0,05 entre temperaturas e o molhamento foliar. Em todas as temperaturas foi possível a observação de sintomas, entretanto, a maior AACPD foi observada em folhas inoculadas que permaneceram na temperatura de 24 e 27°C, a partir de 48 horas de molhamento foliar. Nas temperaturas de 21ºC e 30°C a incidência de Sigatoka-negra foi menor. O período de molhamento foliar mínimo para o progresso da doença foi de 24 horas. Não foram observados sintomas de Sigatoka-negra em folhas inoculados com o molhamento foliar de 0 hora e 12 horas em todas as temperaturas. As folhas assintomáticas, após 5 dias em câmara úmida apresentavam sintomas característicos de Sigatoka-negra, demonstrando que os conídios inoculados nas folhas permaneceram viáveis por um período na ausência de água livre na folha.

  9. Modelagem da progressão da DBO obtida na incubação de esgoto doméstico sob diferentes temperaturas

    OpenAIRE

    Mateus Pimentel de Matos; Alisson Carraro Borges; Antonio Teixeira de Matos; Edson Faria da Silva; Mauro Aparecido Martinez

    2017-01-01

    RESUMO Confiável quantificação da demanda bioquímica de oxigênio exercida (DBO exercida) poderá ser obtida com incubação das amostras sob temperaturas diferentes, desde que o valor da demanda bioquímica de oxigênio última (DBOU) não seja alterado nessas condições. Alguns autores têm relatado aumento no valor da DBOU com a elevação da temperatura de incubação das amostras, o que pode ser decorrente da ocorrência da nitrificação, da aclimatação diferenciada ou do mau ajuste dos modelos de progr...

  10. INFLUÊNCIA DA TEMPERATURA NA REOLOGIA DE FLUIDOS DE PERFURAÇÃO PREPARADOS COM CARBOXIMETILCELULOSE, GOMA XANTANA E BENTONITA

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Klismeryane Costa de Melo

    2013-10-01

    Full Text Available O comportamento reológico dos fluidos de perfuração pode sofrer alterações ao longo da perfuração em função do gradiente de temperatura do poço. A degradação térmica sofrida por alguns aditivos utilizados como viscosificantes restringe a utilização da classe dependendo da temperatura a qual será exposto. Este trabalho apresenta um estudo sobre o comportamento reológico da Goma Xantana (GX, da Carboximetilcelulose (CMC e da Bentonita (BNT em função da temperatura. Os Modelos matemáticos de Ostwald de Waale e o de Herschel-Bulkley foram aplicados para determinar os parâmetros reológicos. O efeito da hidratação dos polímeros e da argila na reologia de soluções aquosas foram previamente estudados. A caracterização reológica foi realizada através de ensaios de reologia, utilizando sistema de cilindros coaxiais, para obtenção das curvas de fluxo. A reologia foi avaliada em função da temperatura para cada um dos aditivos utilizados. Os resultados mostraram que a CMC se solubiliza rapidamente em água, porém apresenta maior degradação quando exposta a temperatura mais elevada. A GX se mostrou apta para ser utilizada em formulações de fluidos que serão usados em poços com gradiente de temperatura mais elevados. A bentonita não apresentou alterações no comportamento reológico em função do gradiente de temperatura estudado.

  11. Influência da temperatura na síntese hidrotérmica da zeólita Y obtida por microondas

    OpenAIRE

    Simões,A. N.; Neiva,L. S.; Simões,V. N.; Rodrigues,M. G.; Gama,L.

    2012-01-01

    Nos últimos anos o aquecimento e a condução de reações químicas por energia de microondas tem sido um tema cada vez mais popular na comunidade científica, e assim nos campos da zeólita. Desta forma, o presente trabalho visa estudar o efeito da temperatura na obtenção da zeólita Y sintetizada por microondas. A temperatura de síntese foi variada de 100 ºC a 90 ºC. As amostras foram caracterizadas por difração de raios X, microscopia eletrônica de varredura e adsorção de nitrogênio. Os resultado...

  12. Influência da temperatura, da massa molar e da distribuição de massa molar na tensão superficial de PS, PP e PE: experimento e teoria

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Moreira José C.

    2003-01-01

    Full Text Available Neste trabalho a influência da temperatura, da massa molar (n e da distribuição de massa molar (MWD na tensão superficial de poliestireno (PS foi avaliada utilizando o método da gota pendente. A influência da temperatura na tensão superficial de polipropileno isotático (i-PP e de polietileno de baixa densidade (PELBD também foi estudada aqui. As teorias de Patterson-Rastogi e Dee-Sauer foram utilizadas em conjunção com a teoria de equação de estado de Flory, Orwoll, e Vrij (FOV para prever a tensão superficial (gama utilizando dados de pressão-volume-temperatura (PVT dos polímeros. Ambas teorias prevêem que a tensão superficial diminui linearmente com o aumento da temperatura e aumenta com a massa molar concordando com os resultados experimentais. Entretanto, ambas teorias subestimam a mudança de entropia de formação de superfície por unidade de área a volume constante para sistemas poliméricos de baixa massa molar e polidisperso e subestimam o efeito da distribuição de massa molar na tensão superficial

  13. Tipología circadiana y problemas de salud mental

    OpenAIRE

    Antúnez, Juan M.; Navarro Humanes, José F.; Adán Puig, Ana

    2014-01-01

    La tipología circadiana (matutina, vespertina o intermedia) es una diferencia individual que se ha relacionado con numerosos aspectos de la salud mental. En este estudio se revisan los principales hallazgos publicados en el área. Tras la búsqueda bibliográfica en las principales bases de datos se seleccionaron un total de 70 artículos publicados en castellano e inglés entre los años 1990 y 2012, recogidos en las bases de datos ISI, Scopus y Medline, donde se muestra que los individuos vespert...

  14. Qualidade de ameixas 'Laetitia' em função da temperatura e da atmosfera de armazenamento

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Erlani de Oliveira Alves

    2010-12-01

    Full Text Available O objetivo deste trabalho foi avaliar o efeito da temperatura e de atmosferas de armazenamento sobre a manutenção da qualidade de ameixas 'Laetitia'. Os tratamentos avaliados constituíram-se na combinação de duas temperaturas (-0,5ºC e 0,5ºC, com três atmosferas de armazenamento: armazenamento refrigerado (AR, com 21,0 kPa de O2 + 0,03 kPa de CO2; atmosfera controlada (AC, com 1,0 kPa de O2 + 3,0 kPa de CO2; e AC, com 2,0 kPa de O2 + 5,0 kPa de CO2. Após 60 dias de armazenamento, foram avaliadas: taxas respiratória e de produção de etileno, acidez titulável (AT, firmeza de polpa, atributos de textura, índice de cor vermelha e ângulo 'hue' (hº da casca, e incidência de rachaduras, podridões e degenerescência da polpa. O armazenamento refrigerado a -0,5ºC resultou em menores valores para o índice de cor vermelha, taxa respiratória e de produção de etileno e incidência de frutos rachados. Em ambas as condições de AC, a temperatura de 0,5ºC resultou em menor índice de cor vermelha, cor da epiderme mais verde, maior firmeza de polpa e menor taxa de produção de etileno, tanto na abertura da câmara como após quatro dias em condição ambiente. As condições de AC retardaram o amadurecimento dos frutos e reduziram a incidência de degenerescência de polpa. O armazenamento em AC, com 2,0 kPa de O2 + 5,0 kPa de CO2, a 0,5ºC, proporcionou menor taxa respiratória e menor incidência de podridões na saída da câmara, mas maior AT e força para penetração da polpa, após quatro dias em condição ambiente. No entanto, o armazenamento da ameixa 'Laetitia', nas condições de AC avaliadas, por um período de 60 dias, não reduziu a incidência de degenerescência da polpa.

  15. Alteração da temperatura radicular externa durante o preparo para contenção intra-radicular

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    FERREIRA Cláudio Maníglia

    1999-01-01

    Full Text Available O objetivo deste trabalho foi comparar in vitro a alteração de temperatura na superfície radicular externa durante o preparo para contenção intra-radicular utilizando 4 técnicas de remoção da guta-percha: condensadores aquecidos, brocas de Peeso, Gates-Glidden e Largo, em 40 dentes pré-molares inferiores (unirradiculares tratados endodonticamente. O experimento foi realizado em uma câmara com temperatura controlada em torno de 26°C. Para a remoção da guta-percha do interior dos canais, foram calculados dois terços do comprimento da raiz, deixando em torno de 4 mm de obturação apical. As medições da temperatura radicular externa foram realizadas com um termopar acoplado a um multímetro e efetuadas em 3 regiões: cervical (em torno de 3 mm abaixo da junção cemento-esmalte, média e apical. A análise de variância indicou diferenças significantes (p < 0,01 entre as regiões e as técnicas utilizadas. O teste complementar de Tukey indicou que os condensadores aquecidos produziram o maior aumento de temperatura dentre as técnicas, e a broca de Peeso dentre as brocas, seguida pela de Largo e de Gates-Glidden. Dentre as regiões, a apical apresentou a maior alteração de temperatura em todas as técnicas avaliadas.

  16. Importância da utilização de propriedades avaliadas em função da temperatura para a simulação computacional de cerâmicas refratárias

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Akiyoshi M. M.

    2002-01-01

    Full Text Available Neste trabalho é apresentado um estudo sistemático sobre a influência da utilização de propriedades avaliadas em função da temperatura para suprir um programa de simulação computacional por elementos finitos (AEF visando à determinação dos perfis de temperatura e tensão em uma âncora refratária. Para tanto, foram avaliados em função da temperatura, a condutividade térmica (k, o calor específico (c, o coeficiente de expansão térmica linear (alfaL e o módulo elástico (E. Um planejamento fatorial 2u e a análise de variância (ANOVA foram utilizados para avaliar a influência das interações entre as propriedades determinadas em função da temperatura sobre os perfis de temperatura e tensão normal resultantes da simulação computacional. Este estudo reforça a necessidade da avaliação das propriedades em função da temperatura para se suprir um programa de simulação computacional, destacando-se a condutividade térmica e o calor específico para propiciar uma melhor obtenção do perfil de temperatura, e o coeficiente de expansão térmica linear (alfaL e o módulo elástico (E para a avaliação do perfil de tensões.

  17. Considerações sobre o conceito de temperatura e de temperatura absoluta

    OpenAIRE

    Leal Ferreira, G.F.

    2006-01-01

    Discute-se o conceito de temperatura que emerge da ação de contato, e a conveniência de torná-lo menos abstrato levando em conta a quantidade de matéria envolvida. Mostra-se que o conceito de 'energia térmica molar', numericamente igual ao produto da constante dos gases pela temperatura absoluta, preenche aquele fim, expressando o conteúdo cinético da energia molar, além de permitir desonerar a entropia de inadequada dimensionalidade. The concept of temperature acquired by means of our con...

  18. Avaliação da influência da temperatura sobre o desenvolvimento de Aedes albopictus

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Daniéla Cristina Calado

    2002-04-01

    Full Text Available OBJETIVO: Verificar a influência da temperatura sobre os estágios de desenvolvimento de Aedes albopictus sob condições de laboratório. MÉTODOS: Foi avaliado o período de desenvolvimento dos estágios de ovo, larva e pupa em quatro temperaturas constantes de 15ºC, 20ºC, 25ºC e 30ºC em câmaras climatizadas com umidade relativa do ar oscilando entre 70% e 85% e fotoperíodo de CE 12:12 horas. Pela análise de variância, foram testados os efeitos das quatro temperaturas constantes. RESULTADOS: O período de incubação dos ovos compreendeu 38,38; 19,09; 13,10; e 10,44 dias; o período larval dos indivíduos machos atingiu 30,13; 13,83; 7,36; e 5,57 dias; o período larval para fêmeas apresentou duração de 33,22; 15,00; 8,06; e 6,16 dias; o período pupal em machos compreendeu 8,01; 4,92; 2,40; e 1,76 dias, enquanto nas fêmeas foi de 8,15; 5,11; 2,60; e 1,88 dias sob as temperaturas de 15ºC, 20ºC, 25ºC e 30ºC, respectivamente. Em todos os estágios de desenvolvimento, foram encontradas diferenças significativas, entre as temperaturas avaliadas, em torno de 5% no tempo de desenvolvimento. O período de desenvolvimento foi inversamente relacionado à temperatura, com o período larval mais breve em machos que em fêmeas. Nas temperaturas de 20ºC a 30ºC, o desenvolvimento foi mais breve e com maior viabilidade que a 15ºC. CONCLUSÕES: Nas condições em que foram realizados os experimentos, a temperatura afetou de forma significativa e inversamente proporcional os estágios imaturos de Aedes albopictus. Esses resultados mostram que os estágios imaturos são mais suscetíveis durante os períodos de baixas temperaturas devido ao maior tempo necessário para completar o desenvolvimento, informação que pode ser utilizada em estratégias de controle.

  19. Baixas temperaturas sobre a fluorescência da clorofila a em plantas de diferentes híbridos de canola

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Anelise Tessari Perboni

    2015-02-01

    Full Text Available O objetivo do trabalho foi estudar os efeitos de baixas temperaturas sobre o aparato fotossintético de híbridos de canola. Plantas de canola foram cultivadas em casa de vegetação e, 50 dias após a semeadura, acondicionadas em câmara de crescimento com ausência de luz, onde foram submetidas a temperaturas de 0 ou 4oC pelo período de 1 ou 4 horas. Avaliou-se a cinética de emissão da fluorescência da clorofila a. Os híbridos apresentaram o mesmo comportamento em relação à fluorescência da clorofila em resposta ao estresse. Os parâmetros da fluorescência foram amplamente afetados em todos os tratamentos e a análise da cinética revelou efeitos da temperatura, principalmente no passo J, que representa o acúmulo de plastoquinona reduzida e na fase I-P, que reflete a redução dos aceptores de elétrons finais do lado aceptor do fotossistema I. Conclui-se que os parâmetros mais responsivos às condições impostas pelo frio são os que descrevem o grau de reoxidação do aceptor final de elétrons do fotossistema II e a atividade do fotossistema I

  20. Efeito da temperatura e estocagem em ovos Effect of temperature and storage of eggs

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria do Socorro Vieira dos Santos

    2009-09-01

    Full Text Available A pesquisa foi desenvolvida objetivando avaliar o efeito da temperatura e período de estocagem de ovos de poedeiras comerciais submetidas a dietas à base de milho, soja e óleo vegetal com nível de energia de 2.850 kcal EM/kg e proteína de 18%. O ensaio envolveu um plantel com 224 poedeiras comerciais da linhagem Hy-line W-36, com 23 semanas de idade, dividido em 5 ciclos de 28 dias. Foi avaliado o efeito isolado e a interação de dois fatores: temperatura de conservação (ambiente e de refrigeração e período de estocagem (7, 14 e 21 dias. As variáveis estudadas foram: perda de peso dos ovos (%, percentagem de gema, percentagem de clara, percentagem de casca, gravidade específica, unidades Haugh e escore de coloração da gema crua. O aumento do período de estocagem, independente da temperatura de conservação, ocasionou perda de peso dos ovos e reduções na gravidade específica, nas unidades Haugh e na coloração da gema crua. Os ovos mantidos em temperatura de refrigeração apresentaram (p The objective of this study was to evaluate the effect of temperature and period of storage on the quality of eggs of commercial laying hens submitted to diets with corn, soy, and vegetal oils with energy level of 2850 kcal ME/kg and 18% of protein. The experimental procedure involved 224 commercial laying hens of the HY-LINE W-36 line, which were 23 weeks of age, divided into 5 cycles of 28 days. The isolated effect and the interaction of storage temperature (ambient and refrigeration and storage period (7, 14 e 21 day were evaluated. The variables studied were loss of weight, percentage of the yolk, percentage of the white, specific gravity, Haugh units, and coloration of raw egg yolk. The increase in the period of the storage of eggs, independent of the maintenance temperature, caused egg weight loss and reduced the specific gravity, Haugh unit values, and coloration of the raw egg yolk. The eggs kept under refrigeration presented (p 0

  1. TEMPERATURA DOS SOLOS E SUAS INFLUÊNCIAS NA REGENERAÇÃO NATURAL DA CAATINGA NOS CARIRIS VELHOS – PB

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Bartolomeu Israel de Souza

    2016-04-01

    Full Text Available A Caatinga vem sofrendo alterações históricas através da retirada maciça da vegetação para o desenvolvimento de diversas atividades econômicas, o que vem acarretando uma série de problemas ambientais e, dentre estes, o aumento da temperatura dos solos. Esse trabalho foi desenvolvido na região dos Cariris Velhos – PB, uma das mais atingidas pelo desmatamento no semiárido brasileiro, com o objetivo de identificar como esse processo tem afetado a temperatura dos solos, estabelecendo relações com a capacidade de germinação das sementes de plantas nativas da Caatinga em função dos níveis térmicos identificados, características ainda pouco conhecidas e de fundamental importância para que se possa compreender melhor a sucessão ecológica em áreas degradadas. Neste trabalho, foi analisada uma série histórica de dados de temperaturas de subsuperfície, obtidos através de geotermômetros, submetidos a tratamento estatístico, e de superfície, através do uso de imagens de satélite, seguida de um levantamento da capacidade de germinação de sementes da Caatinga em diferentes condições térmicas. Os resultados obtidos indicam que o desmatamento vem acarretando a elevação da temperatura média dos solos, atualmente dominando níveis superiores a 350C em grande parte da região, para os quais a maioria das sementes das espécies consultadas não se desenvolveria, tornando ainda mais difícil a recuperação destes ambientes. Os dados apresentados apontam a urgência em evitar a expansão do desmatamento na Caatinga, assim como a criação de medidas de recuperação dos ambientes desertificados.

  2. ANÁLISE ESPACIAL DA TEMPERATURA E DA PRECIPITAÇÃO MEDIA ANUAL NO ESTADO DE SÃO PAULO / SPATIAL ANALYSIS OF MEAN ANNUAL TEMPERATURE AND RAINFALL FOR THE SÃO PAULO STATE

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    SIDNEY R. VIEIRA

    2009-11-01

    Full Text Available O objetivo deste trabalho foi analisar a variabilidade espacial da temperatura e da precipitação média anual no Estado de São Paulo. Foram utilizados dados de 416 estações climatológicas, referente ao período de 1936 a 1992 e analisados dois parâmetros climatológicos (temperatura média anual e precipitação pluvial média anual. Os dados foram analisados por meio da estatística descritiva e dageoestatística, para posterior construção de mapas de variabilidade espacial. Os resultados evidenciam que a altitude (m e a temperatura média anual (ºC apresentaram baixos valores de efeito pepita enquanto que a precipitação pluvial média anual (mm apresentou um maior pra esseparâmetro. A temperatura média anual (ºC e a precipitação pluvial média anual (mm apresentaram periodicidade detectada por meio do semivariograma experimental. Os mapas de distribuição espacial evidenciam a influencia da altitude sobre os valores estimados por krigagem para temperatura médiaanual (ºC e precipitação pluvial média anual (mm.

  3. Senor monolitico de temperatura compativel com microprocessador

    OpenAIRE

    Pedro Cuervo Diaz

    1992-01-01

    Resumo: Este trabalho descreve um sensor de temperatura com saída compatível com microprocessadores em uma ampla faixa de temperaturas, sem necessidade de outro componente externo. Sua saída em frequência proporcional à temperatura, pode-se obter em dois níveis de corrente ou dois níveis de tensão, permitindo sua montagem em umencapsulamento com três terminais. No Capítulo1, com o objetivo de posicionar o trabalho no universo dos sensores. ocircuito integrado projetado, são apresentados trê...

  4. Medição e estimativa da temperatura à superf´cie de dois tipos de solos: influência da radiação solar e da humidade do solo

    OpenAIRE

    Andrade, José; Abreu, Francisco

    2007-01-01

    A temperatura à superfície do solo afecta em larga medida diferentes processos físicos, químicos e biológicos nela ocorridos, nomeadamente a evaporação, o fluxo de energia e de água no solo e a actividade microbiana. A superfície do solo é uma interface dinâmica influenciada simultaneamente por processos ocorridos no solo e na camada de ar acima deste, pelo que a medição da sua temperatura se apresenta como uma tarefa difícil e não isenta de erros. Pretende-se avaliar a influência da radi...

  5. SO DO SENSOR TM NA ESTIMATIVA DA TEMPERATURA DA SUPERFÍCIE E MUDANÇA NO USO DO SOLO EM VIÇOSA, MG, BRASIL

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rafael Coll Delgado

    2015-09-01

    Full Text Available O objetivo deste trabalho foi avaliar a dinâmica nouso e cobertura da terra em área de abrangência de Viçosa, Minas Gerais. Para tanto, utilizou-se o algoritmo SEBAL (Surface Energy Balance Algorithm for Land e o método de classificação não supervisionada por meio do algoritmo ISODATA. Foi utilizada uma série históricade temperatura do ar (ºC, da Estação Meteorológica Convencional (EMC do Instituto Nacional de Meteorologia (INMET e imagens do sensor TM Landsat 5 do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE, noperíodo que compreendeu 16 anos (1994-2010. Os resultados mostraram que nos anosde 1999, 2000, 2003, 2006, 2009 e 2010 mais de 20 mil hectares foram antropizadas, porém, a partir de 1999 inicia-se um acentuado crescimento das áreas classificadas como mata. Os valores demonstraram avanço das áreas antropizadas (58,92% em 1994 para 71,90% em 2010 e uma redução das áreas de pastagens (27,04% em 1994 para 5,90% em 2010. A temperatura da superfície estimada pelo algoritmo SEBAL para os anos de 1994 e 2010, apresentaram valores máximos de 38ºC em áreas antropizadas e valores mínimos de 18ºC em áreas de vegetação. Com base no cálculo do viés médio (VM, o presente estudo mostrou que os dados estimados da temperatura da superfície apresentaram boa correlação de 0,67 com os dados do INMET, já que as temperaturas foram subestimadas e superestimadas com valores mínimos e máximos de -3,83ºC e 2,65ºC em 1994 e 2003. Os resultados obtidos, ainda que em caráter preliminar, indicam a eficiência do Sensoriamento Remoto (SR por meio da análise das bandas refletivas e termal do satélite Landsat 5 como ferramenta de análise na identificação da dinâmica do uso do solo, mostrando-se eficaz quanto à espacialização dessas anomalias no espaço e no tempo.

  6. USO DO SENSOR TM NA ESTIMATIVA DA TEMPERATURA DA SUPERFÍCIE E MUDANÇA NO USO DO SOLO EM VIÇOSA, MG, BRASIL

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rafael Coll Delgado

    2013-11-01

    Full Text Available O objetivo deste trabalho foi avaliar a dinâmica nouso e cobertura da terra em área de abrangência de Viçosa, Minas Gerais. Para tanto, utilizou-se o algoritmo SEBAL (Surface Energy Balance Algorithm for Land e o método de classificação não supervisionada por meio do algoritmo ISODATA. Foi utilizada uma série históricade temperatura do ar (ºC, da Estação Meteorológica Convencional (EMC do Instituto Nacional de Meteorologia (INMET e imagens do sensor TM Landsat 5 do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE, noperíodo que compreendeu 16 anos (1994-2010. Os resultados mostraram que nos anosde 1999, 2000, 2003, 2006, 2009 e 2010 mais de 20 mil hectares foram antropizadas, porém, a partir de 1999 inicia-se um acentuado crescimento das áreas classificadas como mata. Os valores demonstraram avanço das áreas antropizadas (58,92% em 1994 para 71,90% em 2010 e uma redução das áreas de pastagens (27,04% em 1994 para 5,90% em 2010. A temperatura da superfície estimada pelo algoritmo SEBAL para os anos de 1994 e 2010, apresentaram valores máximos de 38ºC em áreas antropizadas e valores mínimos de 18ºC em áreas de vegetação. Com base no cálculo do viés médio (VM, o presente estudo mostrou que os dados estimados da temperatura da superfície apresentaram boa correlação de 0,67 com os dados do INMET, já que as temperaturas foram subestimadas e superestimadas com valores mínimos e máximos de -3,83ºC e 2,65ºC em 1994 e 2003. Os resultados obtidos, ainda que em caráter preliminar, indicam a eficiência do Sensoriamento Remoto (SR por meio da análise das bandas refletivas e termal do satélite Landsat 5 como ferramenta de análise na identificação da dinâmica do uso do solo, mostrando-se eficaz quanto à espacialização dessas anomalias no espaço e no tempo.

  7. Influência da temperatura de secagem e da concentração de Aerosil®200 nas características dos extratos secos por aspersão da Schinus terebinthifolius Raddi (Anacardiaceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    E.A.F. Vasconcelos

    Full Text Available A Schinus terebinthifolius Raddi é muito usada na medicina popular e atualmente como fitomedicamento pelas propriedades antimicrobiana, cicatrizante e antiinflamatória. O objetivo deste trabalho foi avaliar a influência da temperatura de entrada e a concentração de Aerosil®200 nas características de extratos secos por aspersão da Schinus terebinthifolius Raddi. Os extratos preparados com etanol 70 °GL foram secos em Mini-spray dryer, Buchi B191, com adição do adjuvante tecnológico numa proporção de 20:80; 25:75 e 30:70 (p/p Aerosil®200: resíduo seco, variando a temperatura de entrada de 120 °C a 160 °C. A umidade residual, o rendimento final do produto e o aumento da massa frente à umidade relativa controlada de 90 % foram usados como critério de avaliação. A análise de superfície de resposta revelou que à medida que a temperatura e a concentração de Aerosil aumentam, diminui a umidade residual dos extratos, bem como sua higroscopicidade. As melhores condições de secagem foram a temperatura de entrada de 140 °C e 30 % do adjuvante, resultando em rendimento acima de 80 %.

  8. Efeito da Temperatura Ambiente e da Restrição Alimentar sobre o Desempenho e a Composição de Fibras Musculares Esqueléticas de Frangos de Corte

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Sartori José Roberto

    2001-01-01

    Full Text Available O objetivo desta pesquisa foi estudar os efeitos da temperatura ambiente e da restrição alimentar sobre o desempenho e a composição do músculo flexor longo do hálux de frangos de corte. Trezentos e vinte e quatro pintos machos da linhagem Ross, com cinco dias de idade, foram distribuídos em um delineamento em parcelas subdivididas, considerando os tratamentos principais no esquema fatorial 3x3 inteiramente casualizado (três programas de alimentação: ad libitum, restrição precoce - 8 a 14 dias e restrição tardia - 29 a 35 dias; três níveis de temperatura: termoneutra, calor e frio. Os tratamentos secundários foram as idades das aves (seis idades: 7, 14, 21, 28, 35 e 42 dias. Não houve interação entre programa de alimentação e temperatura ou entre programa de alimentação, temperatura e idade para as características de desempenho dos frangos. Independentemente do programa de alimentação, houve efeito de temperatura para peso, ganho de peso, consumo de ração e conversão alimentar. O programa de alimentação afetou o peso e o ganho de peso das aves. Houve interação entre programa de alimentação e idade e entre temperatura e idade para peso vivo ao abate e peso do músculo da perna direita. Estas interações não foram significativas para peso do músculo da perna esquerda, área da secção transversal do músculo e relação peso do músculo/peso vivo ao abate. Conclui-se que a temperatura ambiente afeta o desempenho dos frangos de corte, porém não altera o número, diâmetro e freqüência de fibras musculares no músculo flexor longo do hálux. A restrição alimentar precoce pode ser adotada como prática de manejo, sem que se observem alterações do desempenho na idade de abate e nem na composição das fibras musculares esqueléticas dos frangos de corte.

  9. Efeito da temperatura em processos de sinterização de pós de hidroxiapatita

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    A. G. de S. Azevedo

    2015-03-01

    Full Text Available Amostras de hidroxiapatita foram sintetizadas por meio da precipitação de soluções aquosas contendo os íons precursores. O precipitado obtido foi lavado, seco, desaglomerado e peneirado com o intuito de se obter amostras em forma de pó e com granulometria homogênea. O material foi sinterizado em diferentes temperaturas e posteriormente caracterizado por difração de raios X, espectroscopia no infravermelho, microscopia eletrônica de varredura, análise termogravimétrica e termodiferencial e a quantificação da área superficial específica e porosidade foi realizada por meio dos métodos Brunauer-Emmett-Teller e Barret-Joyner-Halenda, respectivamente. Os pós apresentaram modificações na cristalinidade, morfologia e nas propriedades texturais com o aumento da temperatura. Novas fases foram identificadas nos difratogramas de raios X devido à decomposição do material, corroborando com resultados reportados. Houve o crescimento dos cristais, aumento da cristalinidade e diminuição da área de superfície específica, comprovando que as modificações ocorreram devido aos processos de sinterização, uma vez que a força motriz para esse processo é a diminuição da área de superfície específica.

  10. Uma Avaliação da Variação da Temperatura da Superfície do Mar durante a Passagem do Furacão Catarina

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rodrigo Carvalho de Sousa

    2016-01-01

    Full Text Available Neste trabalho tenta-se observar a variação da temperatura da superfície do mar (TSM durante a passagem do ciclone tropical que atingiu a costa leste do Brasil em 2004, conhecido como furação Catarina, utilizando dados de temperatura da superfície do mar estimado via sensoriamento remoto orbital provenientes de dois sensores nos espectros de micro-ondas e infravermelho termal. Os resultados apontam que houve resfriamento máximo de aproximadamente 2,00o C quando comparados com dados de anos subsequentes ao evento. Além disso, os resultados indicaram, conforme esperado, que durante a passagem do Catarina o resfriamento da TSM realmente ocorreu, atingindo os valores máximos de -1,00o C e -0,99o C quando comparados com a TSM diária do sensor TMI e a composição diária de TSM usando dados dos sensores TMI e AVHRR (via método de interpolação de Barnes, respectivamente. Estimativa de TSM via dados infravermelho pouco contribuiu na análise, enquanto os dados de TSM micro-ondas apresentaram uma razoável capacidade de representar o comportamento qualitativo da TSM durante o evento Catarina. Os resultados estão em conformidade com os encontrados na literatura

  11. EFEITO DA TEMPERATURA DE ESTOCAGEM SOBRE A QUALIDADE INTERNA DE OVOS DE CODORNA ARMAZENADOS DURANTE 21 DIAS

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Hirasilva Borba Alves de SOUZA

    2009-07-01

    Full Text Available

    RESUMO: Com a finalidade de verificar o efeito da temperatura sobre a qualidade de ovos de codorna (Coturnix coturnix japonica, foi realizado um experimento utilizando 1.440 ovos, distribuídos em 2 tratamentos (refrigeração e ambiente com 5 repetições e 36 ovos por parcela. Semanalmente, ou seja, após períodos de 0, 7, 14 e 21 dias, foram determinados: Unidade Haugh, índice gema, pH do albúmen e da gema, relação ovo/albumina, ovo/gema e ovo/casca; e perda de peso. Mediante os resultados obtidos verificou-se que os ovos mantidos sob refrigeração (8ºC apresentaram médias de Unidade Haugh e índice gema significativamente superiores (P < 0,01 e pH do albúmen e da gema significativamente inferiores (P < 0,01, quando comparados com ovos mantidos em temperatura ambiente (23ºC. Os ovos mantidos sob refrigeração (8ºC também evidenciaram maior relação ovo/albúmen (P < 0,05 e menor relação ovo/gema (P < 0,05. Não foi encontrada diferença significativa entre os tratamentos para a relação ovo/casca e para perda de peso. PALAVRAS-CHAVE: Ovos de codorna; temperatura; armazenamento; qualidade.

  12. Fotossíntese e fotoinibição em mogno e acariquara em função da luminosidade e temperatura foliar

    OpenAIRE

    Dias,Daniela Pereira; Marenco,Ricardo Antonio

    2007-01-01

    A fotoinibição pode ser intensificada por fatores de estresse como alta temperatura. O objetivo deste trabalho foi determinar os efeitos da luminosidade e temperatura na fotossíntese e na recuperação da fotoinibição sob baixa irradiância em mogno (Swietenia macrophylla King) e acariquara (Minquartia guianensis Aubl.). As plantas cresceram sob baixa irradiância: 0,20 (acariquara) e 1,43 mol m-2 dia-1 (mogno). A fotossíntese líquida e as características da fluorescência foram avaliadas em duas ...

  13. Variabilidade temporal e espacial do tamanho de amostra da temperatura mínima do ar no Rio Grande do Sul, Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cargnelutti Filho Alberto

    2006-01-01

    Full Text Available Com o objetivo de verificar a existência de variabilidade temporal e espacial do tamanho de amostra da temperatura mínima do ar média mensal de trinta e sete municípios do Rio Grande do Sul, utilizaram-se os dados de temperatura mínima do ar do período de 1931 a 2000. Determinou-se o tamanho de amostra da temperatura mínima do ar média mensal em cada mês e município. Realizou-se análise de agrupamento dos meses e dos municípios pelo método hierárquico "vizinho mais distante". Há variabilidade do tamanho de amostra (número de anos para a estimativa da temperatura mínima do ar média mensal no Estado do Rio Grande do Sul no tempo e no espaço. Maior tamanho de amostra, no Estado do Rio Grande do Sul, é necessário nos meses de maio, junho e julho, com diminuição gradativa em direção a janeiro e dezembro. Há variabilidade do tamanho de amostra entre os municípios do Estado do Rio Grande do Sul.

  14. Estudo reológico da polpa de morango (Fragaria vesca em diferentes temperaturas - doi: 10.4025/actascitechnol.v34i3.7833

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ricardo Cardoso de Oliveira

    2012-05-01

    Full Text Available O morango é um fruto carnoso, suculento, de sabor levemente ácido, contém várias substâncias essenciais à nutrição humana. Nos últimos anos a indústria de polpas congeladas tem se desenvolvido com bastante rapidez. Logo, o conhecimento dos parâmetros reológicos é de grande apreço para as propostas de engenharia. Neste trabalho, foram determinados os parâmetros reológicos da polpa de morango na faixa de temperatura de 20-35ºC, usando um rêometro de cilindros concêntricos, ajustando os dados aos modelos de Ostwald de Waale, Bingham e Herschell-Buckley usando a metodologia Bayesiana. A polpa de morango exibiu comportamento não newtoniano com características pseudoplásticas. A viscosidade aparente diminuiu com o aumento da temperatura. O modelo de Arrhenius descreve de forma satisfatória o efeito da temperatura sobre a viscosidade aparente.

  15. Efeito da temperatura de extrusão e do teor de proteina da farinha de soja desengordurada na qualidade do macarrão instantaneo de arroz

    OpenAIRE

    Atilio Enrique Liceti Dibos

    1993-01-01

    Resumo: O efeito da temperatura de extrusão e do teor de proteína da farinha de soja desengordurada (FSD) na qualidade tecnologica e nutricional do macarrão instantâneo de arroz foi estudado. Farinha de arroz foi misturada com vários níveis de FSD para se obterem teores de proteína de 15, 20 e 25%. A matéria-prima com os diversos níveis de proteína foi processada num extrusor de rosca única às temperaturas de 80, 100 e 120°C. O macarrão foi submetido aos vários testes tecnológicos para avalia...

  16. Propriedades Vibracionais da L-glutamina sob altas pressÃes e sob altas temperaturas.

    OpenAIRE

    Rocicler Oliveira Holanda

    2010-01-01

    Neste trabalho, cristais de l-glutamina (C5H10N2O3) foram submetidos à anÃlises atravÃs da tÃcnica de espectroscopia Raman. Inicialmente realizou-se uma identificaÃÃo tentativa de todas as bandas Raman e em uma segunda etapa obteve-se os espectros do material variando os parÃmetros termodinÃmicos de pressÃo hidrostÃtica e temperatura. A regiÃo espectral para os experimentos realizados em funÃÃo da pressÃo hidrostÃtica esteve entre 40 cm-1 e 3550 cm-1 e a variaÃÃo da pressÃo entre 0 GPa e 5,8...

  17. Modelagem do desenvolvimento de trigo considerando diferentes temperaturas cardinais e métodos de cálculo da função de resposta à temperatura Modeling wheat development considering different cardinal temperatures and methods for the temperature response function calculation

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cleber Maus Alberto

    2009-06-01

    Full Text Available O objetivo deste trabalho foi melhorar a estimativa dos estádios de desenvolvimento de genótipos brasileiros de trigo (Triticum aestivum realizada por meio do modelo WE-Streck. Foram avaliadas diferentes combinações de temperaturas cardinais e métodos de cálculo da função de resposta à temperatura. Dados referentes às datas da emergência, da emissão da espigueta terminal, da antese e da maturidade fisiológica de seis genótipos brasileiros de trigo semeados em 11 datas ao longo de três anos (2005, 2006 e 2007 em Santa Maria, RS, foram usados para estimar os coeficientes do modelo WE-Streck modificado e testar as diferentes combinações de temperaturas cardinais e métodos de cálculo da função de resposta à temperatura. Para os genótipos BRS Louro, BRS 177, CEP 51, CEP 52 e Nova Era, a simulação do desenvolvimento com o modelo de WE-Streck é melhor quando são usados maiores valores de temperaturas cardinais ótima e máxima, em comparação às usadas originalmente no modelo. Para o genótipo BRS Tarumã, devem ser utilizadas as temperaturas cardinais do modelo WE-Streck original. É recomendável usar as temperaturas mínimas e máximas diárias para calcular a função de resposta à temperatura quando o modelo WE-Streck for usado para simulação do desenvolvimento de genótipos brasileiros de trigo.The objective of this work was to improve the prediction of developmental stages of Brazilian wheat (Triticum aestivum genotypes made using the WE-Streck model. Different combinations of cardinal temperatures and methods of calculating the temperature response function were evaluated. Data regarding the dates of emergence, terminal spikelet, anthesis, and physiological maturity of six Brazilian wheat genotypes sown on 11 dates during three years (2005, 2006, and 2007 at Santa Maria, RS, Brazil, were used to estimate the WE-Streck model coefficients and to evaluate the different combinations of cardinal temperatures and

  18. Efeitos da temperatura e da defesa da presa no consumo pelo predador Supputius cincticeps (Stäl (Heteroptera:Pentatomidae Effects of temperature and of the prey defense on the consumption by the predator Supputius cincticeps (Stäl (Heteroptera:Pentatomidae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Francisco Roberto de Azevedo

    1999-02-01

    Full Text Available A pesquisa objetivou determinar se a temperatura e a defesa da presa afetam o consumo e a utilização de larvas de Tenebrio molitor L. por ninfas de Supputius cincticeps (Stäl. Quantificaram-se em cada um dos ínstares do predador Supputius cincticeps os consumos bruto e diário das larvas de T. molitor com e sem defesa, ganho de peso total e ganho de peso diário pelo predador. Foram determinados os efeitos da defesa da presa e da temperatura ambiente no consumo de alimento pelas ninfas de 2º, 3º, 4º e 5º ínstares de S. cincticeps. A pesquisa foi conduzida na Unidade de Controle Biológico da Embrapa-Centro Nacional de Pesquisa de Algodão, em Campina Grande, PB, a 20, 25, e 30ºC, 60±10% UR e fotofase de 14 horas. Os resultados mostraram que o consumo bruto de larvas de T. molitor pelo S. cincticeps depende do ínstar do predador e da temperatura, do ínstar do predador e da defesa da presa, e da temperatura e defesa da presa; o consumo diário de S. cincticeps depende do ínstar do predador e da temperatura, e do ínstar do predador e da defesa da presa, e o ganho de peso de S. cincticeps depende do seu ínstar, da temperatura e da defesa apresentada pelas larvas de T. molitor. O tamanho das larvas de T. molitor funciona como defesa ao ataque de S. cincticeps.The objective of the research was to determine if the temperature and pray defense affect the consumption and utilization of Tenebrio molitor L. larvae by nymphs of Supputius cincticeps (Stäl. The gross and daily consumptions of T. molitor larvae with and without defense by the predator Supputius cincticeps, and the gross and daily weight gains of the predator were quantified. Effects of the prey defense and temperature on the food consumption by the 2nd, 3rd, 4th and 5th instar nimphs of S. cincticeps were determined. The research was carried out in the Biological Control Unit of the Embrapa-Centro Nacional de Pesquisa de Algodão, at Campina Grande, PB, Brazil, at 20, 25, and

  19. Estudo do efeito da temperatura nas propriedades reológicas da polpa de butiá (Butia eriospatha / Study of temperature effect on rheological parameters of the butia pulp (Butia eriospatha

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maurício Rigo

    2010-04-01

    Full Text Available O objetivo deste trabalho foi estudar o efeito da temperatura no comportamento reológico da polpa de butiá, na forma integral, e a influência da geometria de medida na determinação do comportamento reológico da polpa de butiá. O reômetro utilizado foi da marca Haake Rotovisco, modelo RV-20, com cilindros concêntricos ou placas paralelas. Os dados experimentais dos reogramas para a polpa de butiá foram bem ajustados pelos modelos de Herschell-Bulkley, Casson e Ostwald-de-Waelle. O melhor ajuste se deu pelo modelo de Herschell-Bulkley. Para polpa de butiá, a viscosidade diminui com aumento da temperatura. Os índices de comportamentos obtidos dos dados experimentais foram menores do que um para todas as temperaturas investigadas, o que caracteriza comportamento pseudoplástico da polpa. O sistema de medida de placas paralelas se mostrou inadequado para o estudo do comportamento reológico de polpa de butiá. Portanto é necessária a padronização do sistema de medida empregado para determinação da análise reológica. O modelo de Arrhenius descreve o efeito da temperatura sobre a viscosidade aparente da polpa de butiá.AbstractRheological parameters of Butia (Butia eriospatha pulp were determined at different temperatures (10-60°C using a concentric cylinder Haake Rotovisco rheometer, model RV-20, with concentric cylinders and parallel plate. Butia pulp was found to exhibit non-Newtonian, pseudoplastic behavior at all temperatures investigated and the rheological parameters were adequately described by the Herschel-Bulkley, Ostwald-de-Waelle and Casson models. Yield stress, flow behavior index, and consistency coefficient were significantly affected by temperature. The apparent viscosity calculated through the Herschel-Bulkley model decreased with an increase in temperature. The Arrhenius model gave a good description of temperature effect on apparent viscosity of the pulp. The measurement system of parallel plate was inadequate to

  20. EFEITO DA TEMPERATURA SOBRE A AMÊNDOA DE CACAU: SECADOR VERTICAL

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Jorge Henrique Sales

    2016-09-01

    Full Text Available Este trabalho propõe uma nova tecnologia para secagem de grãos utilizando energia solar. Esta estufa mostra significativos benefícios em relação à barcaça, proporcionando uma redução drástica da área necessária para secagem de amêndoas e melhores condições de trabalho. As simulações mostram também uma melhor eficiência de secagem, uma vez que a torre consegue manter por mais tempo o calor em seu interior, atingindo ainda temperaturas próximas de 50°C, contra 36°C atingidos na barcaça em um mesmo momento da simulação, e sob as mesmas condições iniciais e de contorno, resultado obtido está de acordo com o Conselho Nacional do Comércio Exterior.

  1. Estimação e compensação da influência da temperatura do gás manométrico em um sensor de pressão: um estudo de caso usando sensor piezoresistivo

    OpenAIRE

    Francisco Ermelindo de Magalhaes

    2001-01-01

    Este trabalho tem por objetivo estudar a necessidade de compensação dos efeitos da temperatura do gás manométrico em um sensor de pressão. A influência da temperatura pode ser observada durante a utilização de um Padrão Digital de Pressão (DPG). Uma motivação para este trabalho foi a possibilidade de usar um sensor de pressão de baixo custo como padrão secundário de transferência de pressão visando o aumento da vida útil do DPG. Propositadamente foi escolhido um sensor cuja saída fosse influe...

  2. Avaliação da influência da temperatura e do tratamento enzimático no comportamento reológico do suco de abacaxi pérola (Ananas Comosus L. merr.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Adriano Cesar Calandrini Braga

    2013-03-01

    Full Text Available O objetivo deste trabalho foi determinar o comportamento reológico do suco de abacaxi- pérola natural e tratado com enzimas pectinolíticas. As condições de tratamento enzimático foram otimizadas através de um planejamento experimental do tipo fatorial completo 2k, com três repetições do ponto central. Na avaliação do comportamento reológico foram utilizadas duas amostras submetidas a peneiramento (N e D, analisadas em quatro diferentes temperaturas (10; 25; 50 e 65 °C. As análises reológicas foram realizadas utilizando um viscosímetro de cilindros concêntricos Brookfield e os dados experimentais foram ajustados ao modelo de Mizrahi-Berk. A relação entre temperatura e viscosidade aparente foi descrita por uma equação tipo Arrhenius. A otimização da atividade enzimática indicou, através da análise de variância e da metodologia de superfície de resposta, que as variáveis temperatura e tempo de tratamento exerceram efeito estatisticamente significativo (p<0,05 sobre a concentração de pectina presente na amostra. O modelo utilizado mostrou-se adequado para descrever o comportamento reológico dos sucos de acordo com os parâmetros R², χ² e Bf. Os baixos valores obtidos para o índice de comportamento indicaram um comportamento pseudoplástico (n<1. A temperatura exerceu influência sobre a tensão de cisalhamento e a viscosidade aparente dos sucos analisados, sendo os menores valores observados nas amostras analisadas a 65 °C. A equação tipo Arrhenius descreveu de modo satisfatório o efeito da temperatura sobre a viscosidade aparente. Os valores da energia de ativação (Eat foram de 4,54 Kcal.g.mol-1 e 4,89 Kcal.g.mol-1, respectivamente, para as amostras do suco de abacaxi natural e despectinizado, aumentando com o tratamento enzimático. A atividade enzimática proporcionou uma redução nos valores dos parâmetros de comportamento reológico das amostras, bem como na viscosidade aparente, em todas as

  3. Temperaturas efetivas para a dormência da macieira(Malus domestica Borkh Effective temperatures for apple tree dormancy (Malus domestica Borkh

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Gilberto Luiz Putti

    2003-08-01

    Full Text Available As cultivares de macieira exigem diferentes requerimentos em frio, ou seja, o total de horas abaixo de um limite de temperatura do ar, porém são poucas as informações sobre quais temperaturas são mais eficientes para superar a dormência. As cultivares de macieira Condesa, Baronesa, Daiane, Imperatriz, Fuji e Gala foram estudadas quanto à quantidade de frio e as temperaturas do ar para a indução da brotação. O delineamento experimental foi o inteiramente casualizado, no esquema fatorial, com seis cultivares, cinco níveis de unidades de frio ( 300; 600; 900; 1200 e 1500 UF e três temperaturas do ar ( 5; 10 e 15ºC. O tempo médio para brotação foi menor quando as cultivares foram submetidas a 1.500 unidades de frio, independentemente da temperatura. A temperatura efetiva para acumular frio varia com a cultivar, podendo chegar até 15ºC para cultivares de menor exigência em frio.Apple tree cultivars demand several requirements in cold but there's a little of information about what temperatures are the most efficient. Apple tree cultivars Condesa, Baronesa, Daiane, Imperatriz, Fuji and Gala were studied on quantity of cold and different temperatures for shooting inducement. Experimental delineation was full casualized on the factorial system, with six cultivars, five levels of cold unities and three temperatures. Average time for shooting was minor when the cultivars were exposed to 1,500 cold unities independently of the temperature. Effective temperature in order to accumulate cold ranges according to the cultivar, and it is able reaching until 15ºC in case of cultivar of lower demand in cold.

  4. Influência da temperatura de armazenamento na qualidade pós-colheita de goiabas serranas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Aline Cristina Velho

    2011-03-01

    Full Text Available O presente estudo teve por objetivo avaliar o potencial de armazenagem de goiabas serranas em temperaturas de 23 ºC e 4 ºC. Os frutos foram colhidos em pomar comercial, localizado no município de São Joaquim-SC, e armazenados nas temperaturas de 23 ± 1 ºC (75±5% UR, durante quinze dias e 4 ± 1 ºC (90±5% UR, durante quatro semanas. Durante o armazenamento, foram feitas avaliações de respiração, produção de etileno, teor de sólidos solúveis (SS, acidez titulável (AT, cor da epiderme (ângulo hue; hº e ocorrência de escurecimento da polpa, manchas escuras na epiderme e podridões. Durante o armazenamento a 23 ºC, os frutos exibiram um padrão climatérico, com pico respiratório entre o 4º e o 5º dia. Nos frutos armazenados a 4 ºC, houve redução na respiração e na produção de etileno. Em frutos a 23 ºC, foi mais acentuada a redução nos valores de SS, AT e h° da epiderme, e aumento na incidência de manchas escuras na epiderme e de podridões, em relação aos frutos armazenados a 4 ºC. O armazenamento a 4 ºC mostrou-se eficiente na redução do metabolismo respiratório e de produção de etileno, na preservação dos atributos de qualidade (SS, AT e hº da epiderme e na diminuição da severidade das manchas na epiderme e podridões sem, contudo, evitar o desenvolvimento de escurecimento da polpa. O potencial de armazenagem de goiabas serranas a 23 ºC é inferior a uma semana e limitado principalmente pelo desenvolvimento de distúrbios de escurecimento da polpa, manchas na epiderme, bem como podridões.

  5. Efeito da temperatura e reação de genótipos de quiabeiro ao mofo branco

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ivan Herman Fischer

    2014-03-01

    Full Text Available O quiabeiro é suscetível a várias doenças que podem causar prejuízos ao agricultor, caso não sejam manejadas. Objetivaram-se avaliar o efeito da temperatura e a reação de genótipos de quiabeiro ao mofo branco. Plantas de 30 dias inoculadas na região do colo, com e sem ferimento, com dois isolados de Sclerotinia sclerotiorum, foram mantidas por duas semanas nas temperaturas de 15; 20; 25; 30 ou 35ºC. Quatorze genótipos de quiabeiro com um e dois meses de emergência, assim como frutos no ponto de colheita comercial tiveram seus comportamentos avaliados quanto à doença. Avaliaram-se a incidência de plantas com tombamento ou mortas e o comprimento da lesão nos frutos inoculados. A doença foi favorecida por temperaturas entre 15 e 20ºC e, de maneira geral, não foram observadas diferenças entre os isolados e influência do ferimento na ocorrência da doença. Não foram encontrados genótipos de quiabeiro resistentes ao mofo branco, pois todos apresentaram incidência superior a 30% de plantas mortas, sendo as plantas mais novas mais suscetíveis, e comprimento de lesão nos frutos >6,0 cm. Entretanto, diferenças de suscetibilidade entre os genótipos foram observadas em plantas de 30 e de 60 dias e podem ser informações úteis aos produtores para escolha de cultivares em clima ameno, assim como ser exploradas em programas de melhoramento.

  6. Termorregulação colonial e a influência da temperatura no desenvolvimento da cria em abelhas sem ferrão, Melipona scutellaris (Hymenoptera, Apidae, Meliponini)

    OpenAIRE

    Yara Sbrolin Roldão

    2011-01-01

    Uma característica dos insetos sociais, entre elas as abelhas, é o controle da temperatura de seus ninhos. Abelhas sociais são denominadas como animais heterotérmicos, ou seja, são endotérmicas quando realizam atividades motoras (adultas) e ectotérmicas quando apresentam inatividade (cria e abelhas jovens). Essa característica está entrelaçada com o comportamento social. As abelhas melíferas (Apidae; Apini: Apis mellifera) são conhecidas por apresentarem uma temperatura ótima dentro de seus n...

  7. Influência da temperatura na infecção de tilápias do Nilo por Streptococcus agalactiae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Paulo Fernandes Marcusso

    2015-04-01

    Full Text Available Mudanças ambientais afetam a homeostase dos peixes, tornando-os mais suscetíveis a doenças. No Brasil, tem sido relatados surtos de infecção por Streptococcus agalactiae em tilápia do Nilo, principalmente quando se encontram fora da zona de conforto térmico. No presente trabalho, foi avaliada a taxa de mortalidade e determinado quais foram os órgãos mais afetados por essa bactéria em temperaturas que ocorrem naturalmente no Sul do Brasil. Quarenta tilápias-do-nilo (Oreochromis niloticus foram infectadas por Streptococcus agalactiae e distribuídas em quatro grupos (n = 10, cada um deles submetidos a diferentes temperaturas: G1: 24°C, G2: 26°C, G3: 28°C e G4: 32°C. Os peixes foram monitorados durante 10 dias. Os peixes com sinais clínicos irreversíveis foram sacrificados e coletadas amostras de cérebro, fígado e rins para analise bacteriológica e molecular. Foram observados sinais compatíveis com infecção estreptocócica em todos os grupos. A taxa de mortalidade mais elevada ocorreu nos grupos mantidos nas temperaturas de 24°C e 32°C. O cérebro foi o órgão mais afetado, com a maior percentagem de isolamento de S. agalactiae pelos dois métodos de diagnostico. Os resultados sugerem que, tal como nos mamíferos, temperaturas que estão mais afastadas da zona de conforto afetam significativamente a homeostase dos peixes, aumentando a sua susceptibilidade para infecções bacterianas.

  8. Avaliação do tipo de agregado e da reidratação Do concreto submetido à elevadas temperaturas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    A. A. A. de Souza

    Full Text Available O efeito do comportamento do concreto perante o fogo está sendo estudado por um grupo formado no Laboratório de Estruturas e Construção Civil da Faculdade de Engenharia Civil, Arquitetura e Urbanismo da UNICAMP. Este trabalho apresenta uma investigação sobre a perda de re- sistência mecânica ocorrida em diferentes misturas de concreto depois de submetidas a temperaturas elevadas, bem como, uma investigação da influência da reidratação. As misturas foram preparadas com três diferentes agregados: argila expandida, basalto e calcário. Os corpos-de-prova C, obedecendo a mesma taxa de 300 ºC e 600 ºC foram submetidos às temperaturas de 300 aquecimento da Curva ISO-834 (1999. Após o trata- mento térmico, parte dos corpos-de-prova foram reidratados ao ar, outra parte foi imersa em água e outros envolvidos em filme plástico durante 28, 56 e 112 dias. Nestas idades os concretos foram caracterizados em relação à resistência à compressão, resistência à tração e módulo de elasticidade e assim uma avaliação da influência do tipo de agregado e da reidratação na recuperação da resistência mecânica pôde ser feita.

  9. OCORRÊNCIA E DURAÇÃO DAS TEMPERATURAS MÍNIMAS DIÁRIAS DO AR PREJUDICIAIS À FECUNDAÇÃO DAS FLORES DO ARROZ EM SANTA MARIA. RS. III: PROBABILIDADES DE OCORRÊNCIA DA DURAÇÃO DAS TEMPERATURAS BAIXAS

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Flávio Miguel Schneider

    1992-04-01

    Full Text Available Utilizando os valores das temperaturas mínimas, máximas e das 21 h, hora local, dos meses de dezembro, janeiro, fevereiro e março registradas na Estação Climatológica Principal de Santa Maria, RS, determinaram-se as probabilidades de ocorrência da duração máxima de horas com temperatura do ar ≤ 10, 11, 12, 13, 14, 15, 16 e 17,0°C e de seqüências de dias consecutivos com no mínimo uma hora de duração com temperatura do ar ≤ 15, 16 e 17,0°C. Essas probabilidades foram obtidas para cada decêndio dos meses estudados. Os resultados evidenciam que o risco de ocorrência de temperaturas prejudiciais à fecundação das flores da cultura do arroz é bem menor no 2° e 3° decêndio do mês de fevereiro. Deve-se, portanto, semear e/ou escolher ciclo de cultivar de arroz que possibilite que a fase de floração ocorra durante o 2° e 3° decêndio do mês de fevereiro.

  10. Influência da temperatura e do teor de gordura nos parâmetros reológicos do leite condensado e creme de leite

    OpenAIRE

    Flauzino, Rodrigo Dias [UNESP

    2007-01-01

    Neste trabalho estudou-se a influência da temperatura (275,4 a 359,8 K) e teor de gordura (10,2% a 30,6%) nos parâmetros reológicos do creme de leite, como também a influência da temperatura (278 a 343 K) nos parâmetros reológicos do leite condensado. A caracterização reológica foi realizada com o auxílio de um reômetro rotacional do tipo cone e placa, localizado no DEA/FZEA/USP, e de um reômetro rotacional do tipo cone e placa, localizado no DETA/UNESP. Os dados experimentais foram ajustados...

  11. EFEITOS DA TEMPERATURA DE INCUBAÇÃO SOBRE O FUNGO colletotrichum gossypii South. var. cephalosporioides EFFECT OF TEMPERATURE INCUBATION ON THE FUNGUS Colletotrichum gossypi SOUTH. Var. cephalosporioides COSTA

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Yvo de Carvalho

    2007-09-01

    Full Text Available

    Estudou-se o efeito da temperatura de incubação sobre o crescimento vegetativo, esporulação e morfologia da colônia do fungo Colletotrichum gossypii South. var. cephalosporioides Costa, em substrato de batata + dextrose + agar, pH 5,6. O delineamento experimental usado foi o de blocos casualizados e as temperaturas variaram de 12 a 33°C, a intervalos de 3° C. Concluiu-se que a temperatura de incubação afeta notavelmente o crescimento vegetativo, a esporulação e a morfologia da colônia do fungo. Temperaturas acima da faixa ótima provocaram modificações mais acentuadas sobre o crescimento miceliano, esporulação e aspecto morfológico, do que temperaturas baixas. Conídios produzidos em temperaturas extremas, 12 a 33°C, mostraram-se mais curtos que os dos demais tratamentos. A incubação à temperatura de 27°C é a mais recomendável para produção de inóculos em quantidade.

    In this work, the effect of temperature of incubation on the vegetative growth, sporulation and morphology of the colony of the fungus colletotrichum gossypii South. var. cephalosporioides Costa in substrate containing potato + dextrose + agar pH 5.6, was studied. The experimental design used was that of randomized blocks, with temperatures varying from 12 to 33 degrees centigrades, at intervals of 3°C. It was concluded that the temperature of incubation notably affects the vegetative growth, sporulation and morphology of the colony of this fungus. Temperatures above the optimum range caused greater changes in mycelial, sporulation an morphology of the colony than temperatures below this range. Conidia produced at l2 and 33°C were shown to be shorter than those in other treatments. The temperature of incubation recommended for inocule production was 27°C.

  12. Efeito do hidroresfriamento, da temperatura e da rehidratação na conservação pós-colheita de coentro

    OpenAIRE

    Olliveira, Lucilene Silva de

    2012-01-01

    Os objetivos deste trabalho foram avaliar a influência do uso do pré-resfriamento da temperatura e da hidratação na longevidade de folhas de coentro Português (Coriandrum sativum L.). Na avaliação do uso do pré-resfriamento e do armazenamento refrigerado foram feitos maços de folhas de coentro de 20-25 g. Logo após o feitio, os maços foram imerso por 10 minutos em uma mistura a 5ºC de gelo moído e água (1:3 v/v), seguido de armazenamento a 20 e 5°C. O hidroresfriamento provocou o amarelecim...

  13. Efeito da aplicação de baixa temperatura em plantas de macieira sobre o crescimento durante a aclimatização

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Pereira Jonny Everson Scherwinski

    2001-01-01

    Full Text Available Este trabalho objetivou avaliar o efeito da aplicação de baixa temperatura (4±1ºC sobre o crescimento das brotações micropropagadas de um porta-enxerto de macieira (Malus prunifolia Borkh., cv.Marubakaido, durante o processo de aclimatização. Durante as duas primeiras semanas de aclimatização, as plântulas foram transferidas para uma câmara de crescimento, e submetidas à temperatura de 4±1ºC por 0, 240, 480, 720, 960, 1.200 e 1.440 horas, sob fotoperíodo de 16 horas e radiação de 5µEm-2s-1. Em seguida, foram conduzidas para casa de vegetação e avaliadas por um período de 90 dias. Ao final do experimento, avaliou-se, ainda, o comprimento dos entrenós, o número de gemas e o peso da matéria seca da parte aérea e das raízes das plantas. A porcentagem de sobrevivência também foi avaliada após um mês de permanência das plantas em casa de vegetação. Houve aumento na altura das plantas e no comprimento dos entrenós, proporcional ao tempo de sua permanência sob baixa temperatura. O frio provocou decréscimo no peso seco das raízes, porém não afetou a sobrevivência das plantas, o número de gemas e o peso da matéria seca da parte aérea.

  14. Efeito da Vitamina E (α-Tocoferol e de Diferentes Temperaturas na Viabilidade de Sêmen Suíno Refrigerado

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Camilla Pereira de Souza Labêta

    2018-05-01

    Full Text Available O objetivo deste estudo foi avaliar a adição do α-tocoferol a doses de sêmen suíno refrigeradas a 5 e 15°C durante um período de 72 horas. Amostras de sêmen (n = 9 coletadas de três cachaços adultos da raça Pietrain foram tratadas com 0 ou 200 μg/mL de α-Tocoferol. Os tratamentos testados foram: T1: α-Tocoferol + refrigeração a 5°C; T2: α-Tocoferol + refrigeração a 15°C; T3: ausência de α-Tocoferol + refrigeração a 5°C; T4: ausência de α-Tocoferol + refrigeração a 15°C. Todas as amostras foram avaliadas por um período de 72 horas sendo que a motilidade e intensidade de movimentos (vigor foram observadas a cada 12 horas, e o teste hiposmótico (HOST a cada 24 horas. A motilidade média, o vigor e o teste hiposmótico foram analisados pelo teste do qui-quadrado (х² com nível de significância de 5%. Houve diferença significativa (p<0,05 para a motilidade, quando foram comparadas as temperaturas de 5 e 15°C independentemente do uso do α-Tocoferol durante o período entre 12 e 72 horas. Os valores mais altos de motilidade foram obtidos com a temperatura de 15°C. Observou-se também diferença (p<0,05 para a motilidade entre temperaturas de 5 e 15°C quando comparado apenas com as amostras acrescidas de α-Tocoferol, bem como as amostras sem esta substância. A maior motilidade foi obtida novamente com a temperatura de 15ºC. Não foi observada diferença no vigor e na integridade da membrana (teste hiposmótico entre as amostras adicionadas ou não de α-Tocoferol, em qualquer uma das temperaturas e tempos estudados. Conclui-se que a temperatura de 15°C foi mais eficiente para a conservação de sêmen de cachaços durante 72 horas. Conclui-se também que a adição de 200μg/mL de α-Tocoferol não melhorou a viabilidade dos espermatozoides submetidos à refrigeração.

  15. Efeitos da temperatura de armazenamento de grãos de arroz integral de pericarpo pardo, preto e vermelho sobre as propriedades físico-químicas e de pasta

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Valmor Ziegler

    2017-03-01

    Full Text Available Resumo O arroz (integral com pericarpo pardo, preto e vermelho, polido, parboilizado integral e parboilizado polido é base da dieta alimentar nos países em desenvolvimento e serve como veículo para vitaminas e minerais. O armazenamento é uma etapa imprescindível, na qual se busca a manutenção da qualidade dos grãos até serem industrializados e consumidos, sendo a temperatura de armazenamento um dos principais fatores que causam alterações durante esse período. Com isso, o objetivo do estudo foi avaliar os efeitos do tempo (seis meses e da temperatura (16, 24, 32 e 40 °C de armazenamento de grãos de arroz integral de pericarpo pardo, preto e vermelho sobre a composição proximal, as propriedades de pasta, as proteínas solúveis, o pH dos grãos e a condutividade elétrica. Após seis meses de armazenamento, houve aumento da temperatura de pasta e da condutividade elétrica, com redução do pH e da solubilidade proteica, principalmente no armazenamento a 40 °C. O armazenamento de grãos de arroz com pericarpo pardo, preto e vermelho, na temperatura de 16 °C, é o mais indicado para a redução da atividade metabólica e enzimática, proporcionando as mínimas alterações nas propriedades físico-químicas e de pasta.

  16. Efeito da temperatura no comportamento reológico da polpa de manga (mangífera indica L-Keitt Effect of the rheological behavior of mango pulp (magífera indica L-Keitt

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    José Raniere Mazile Bezerra Vidal

    2004-03-01

    Full Text Available Foi determinado o efeito da temperatura no comportamento reológico da polpa de manga variedade Keitt na faixa de temperatura de 10(0C a 60ºC. A polpa integral foi produzida em planta piloto e refinada num "finisher" com peneira de 1,6mm. As análises reológicas foram conduzidas em um reômetro Haake Rotovisco RV-20 com geometria de cilindros concêntricos. O efeito da temperatura sobre o parâmetro reológico representado pelo índice de comportamento, nos casos dos modelos de Mizrahi-Berk (M-B e Lei da Potência, foi ajustado por uma função linear do tipo: nM = A1 + B1T. O índice de consistência foi ajustado usando-se a equação de Arrhenius: ln(K M = A2 + B2/T.The rheological behavior of mango pulp (Keitt was measured in the temperature range 10-60°C. Whole pulp was produced in pilot plant and finished with 1,6 mm mash sieve. Rheometry was conducted in a Haake-Rotovisco RV-20 rheometer with concentric cylinders. Temperature effect on rheological parameters of consistency was fitted to the Arrhenius model: ln(K M = A1 + B1/T. The flow behavior index for both power law and Mizrahi-Berk were fitted as: nM = A2 + B2T.

  17. Efeito da temperatura e taxa de cisalhamento nas propriedades de escoamento da polpa de Cupuaçu (T. grandiflorum Schum integral Effect of temperature and shear rate in the properties of whole flow Cupuassu pulp (Theobroma grandiflorum

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Gilvanete Maria Ferreira

    2008-06-01

    Full Text Available O comportamento reológico da polpa de cupuaçu integral foi determinado na faixa de temperatura de 10 a 60ºC. Os efeitos da temperatura e da taxa de deformação foram avaliados por meio de testes em cisalhamento estacionário. As análises reológicas foram conduzidas num reômetro Thermo Haake RheoStress 1. Os reogramas foram descritos pelos modelos reológicos de Ostwald-de-Waelle e o de Herschel-Bulkley. As curvas de escoamento mais bem ajustadas pelo modelo de Ostwald-de-Waelle. O produto apresentou comportamento pseudoplástico, e o índice de comportamento de fluxo (n decresceu com o aumento da temperatura. O efeito da temperatura sobre a viscosidade aparente foi descrita por uma equação tipo Arrhenius e discutida em termos de energia de ativação. Essa energia aumentou com o aumento da taxa de deformação, sendo obtidos valores na faixa de 1 a 2 kcal/gmol.The rheological behavior of the entire cupuassu pulp was determined in the temperature range 10 - 60ºC. The effects of temperature and deformation rate were evaluated by means of shear flow tests. Rheometry analyses were conducted with a Thermo Haake RheoStress 1 system. Rheograms were described by models by Ostwald-of-Waelle and Herschel-Bulkley. The Ostwald-of-Waelle model successfully represented pulp flow behavior. The product presented shear-thinning behavior and the flow behavior index (n decreased with the increase of temperature. The effect of temperature on the apparent viscosity in cupuassu pulp was described by an Arrhenius equation and discussed in terms of activation energy. The increase in shear rate caused an energy increase, and values were obtained in the range of a line from 1 to 2 kcal/gmol.

  18. Efeito da temperatura de pré-secagem na digestibilidade e nos fracionamentos da proteína e do carboidrato em gramíneas tropicais

    OpenAIRE

    Oliveira, Augusto Ayres Araújo de

    2006-01-01

    Amostras de Brachiaria brizantha cv. Marandu, Brachiaria decumbens cv. Basilisk e Panicum maximum cv. Tanzania foram coletadas na época seca do ano. Após a separação botanica dos componentes morfológicos de lamina foliar, colmo e matéria morta, as amostras foram submetidas a temperaturas de pré-secagem de 55º e 65ºC. Foi realizada análise bromatológica para determinação das frações protéicas e de carboidratos e do valor da digestibilidade in vitro da matéria organica (DIVMO). Houve aumento no...

  19. Estimativa da produtividade de arroz irrigado em função da radiação solar global e da temperatura mínima do ar Rice yield estimates based on global solar radiation and minimum air temperature

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Silvio Steinmetz

    2013-02-01

    Full Text Available Considerando-se a importância da produção do arroz irrigado no Estado do Rio Grande do Sul e que o seu desempenho é influenciado pelas condições meteorológicas, o objetivo deste trabalho foi estimar a produtividade de grãos dessa cultura em função da radiação solar global e da temperatura mínima do ar, usando procedimentos de análise de regressão linear simples e múltipla. Realizou-se um experimento de campo, em Capão do Leão, RS, durante três anos agrícolas. Empregaram-se, em cada ano agrícola, seis datas de semeadura e oito cultivares de diferentes grupos de comprimento de ciclo. Dez colmos principais de cada cultivar foram marcados, para determinarem-se os principais estádios de desenvolvimento. A variável dependente (Y foi a média da produtividade de quatro repetições, de cada época de semeadura, e as variáveis independentes foram: a média da radiação solar global (X¹, a média da temperatura mínima do ar (X² e a média da temperatura mínima do ar elevada ao quadrado (X³, computadas em quatro períodos de desenvolvimento da planta para a radiação solar global e em três períodos para a temperatura mínima do ar. A maioria das variáveis, quando testadas isoladamente, apresentou uma relação linear significativa com a produtividade, mas os coeficientes de determinação (r² foram mais elevados nas regressões lineares múltiplas envolvendo as principais variáveis. Modelos de regressão que utilizam como variáveis preditoras a radiação solar global e a temperatura mínima do ar, em diferentes períodos de desenvolvimento da planta, mostram-se adequados para a estimativa da produtividade de grãos de arroz irrigado.Considering the importance of irrigated rice production in the State of Rio Grande do Sul and that its performance is influenced by the weather conditions, the objective of this study was to estimate the grain yield of this crop as a function of global solar radiation and minimum air

  20. Avaliação do sombreamento natural do flamboyant (Delonix regia na temperatura de um ambiente construído

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Mário Carlos Rodrigues Ayres

    2011-05-01

    Full Text Available Avaliar o sombreamento de uma espécie arbórea e seus efeitos na temperatura de um ambiente construído a partir das medições de temperatura de globo, temperatura do ar, umidade relativa foi o objetivo deste trabalho. Avaliou-se o sombreamento produzido pela espécie arbórea flamboyant (Delonix regia quanto a atenuação da temperatura no interior de dois módulos de edificações. O local de realização da pesquisa foi a Embrapa agropecuária oeste (CPAO no município de Dourados. Os dados foram coletados no interior de dois módulos de edificações sem vedação lateral, construídos em estrutura de madeira e cobertos com telhas de fibrocimento, sendo um localizado à sombra da árvore e outro ao sol.  Em cada modulo foram colocados um termômetro de globo negro e um psicrômetro e no exterior um anemômetro para registro da velocidade do vento. A partir dos dados coletados, foram calculadas as porcentagens de atenuação da temperatura do ar, umidade relativa e temperatura de globo negro para cada um dos módulos. Com os resultados obtidos e relacionados os módulos a sombra da árvore com o módulo ao sol foi encontrada uma atenuação da temperatura de globo negro de 3,46°C e temperatura do ar de 1,26°C com porcentagem de 9,62% e 3,96%, respectivamente.

  1. Mild temperatures on bud breaking dormancy in peaches Temperaturas amenas na superação da dormência de pessegueiros

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Geraldo Chavarria

    2009-10-01

    Full Text Available The search for low chill cultivars for peach production in areas with low chill accumulation (temperatures below 7.2°C has stimulated studies about the higher temperatures effects on low chill cultivars. The objective of this research was to evaluate the influence of mild temperatures on flowering and leafing of 'Turmalina' and 'Ágata' cultivars with low and medium low chilling requirements, respectively. Plants obtained by grafting flower twigs in the autumn, after the grafting, were submitted to chilling treatments (150, 250, 350, 500 and 672 hours at three temperature levels (5°C, 10°C and 15°C. After the end of the treatments, the plants had been taken to greenhouse (20°C±5°C and evaluated weekly. The results showed that satisfactory flower and leaf development occur even at temperatures as high as 15°C for a period of 150 hours, in 'Turmalina' peach. Temperatures of 10°C for a period equal or superior to 350 hours promote satisfactory leafing in 'Ágata' peach. Temperatures of 10°C and 15°C cause earlier development of flowers and leaves in both cultivars when compared to 5°C.A busca por cultivares pessegueiro com baixa necessidade em frio para regiões com pouco acúmulo de frio (temperaturas abaixo de 7,2°C tem estimulado estudos sobre o efeito de altas temperaturas sobre cultivares de baixa necessidade de frio. O objetivo desta pesquisa foi avaliar a influência de temperaturas amenas na floração e brotação da 'Turmalina' e 'Ágata', duas cultivares com baixa e média necessidade de frio, respectivamente. Plantas obtidas por enxertia no outono foram submetidas a tratamentos de frio (150, 250, 350, 500 e 672 horas em três níveis de temperatura (5°C, 10°C e 15°C. Após os tratamentos, estas plantas foram colocadas em casa de vegetação a temperatura de 20°C±5°C e avaliadas semanalmente. Conclui-se que temperatura de até 15°C por um período de 150 horas é capaz de resultar em floração e brotação satisfat

  2. Mapeamento da temperatura da superfície terrestre com uso do sensor AVHRR/NOAA Mapping land surface temperature using AVHRR/NOAA sensor

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Aníbal Gusso

    2007-02-01

    Full Text Available O objetivo deste trabalho foi avaliar a adequação do uso do sensor AVHRR/NOAA (Advanced Very High Resolution Radiometer/National Oceanic and Atmospheric Administration para mapeamento da temperatura da superfície terrestre (TST no Estado do Rio Grande do Sul, por meio da comparação entre três algoritmos clássicos. Foram comparados os métodos de Becker & Li, Sobrino et al. e Kerr et al. para estimativa das TST mínimas, utilizando imagens noturnas e logo após o amanhecer. Os dados de emissividade e TST foram obtidos por meio de combinações matemáticas da radiação detectada nas faixas do visível, infravermelho próximo e termal do sensor AVHRR/NOAA. O sensor AVHRR é adequado para o mapeamento de TST para as condições do tipo de cobertura do solo que predominam no Rio Grande do Sul, visto que a TST estimada pelos três métodos testados foi próxima à temperatura do ar medida nos locais selecionados. O método de Sobrino et al. foi o mais adequado.The objective of this work was to evaluate the suitable use of AVHRR/NOAA (Advanced Very High Resolution Radiometer/National Oceanic and Atmospheric Administration on land surface temperature (LST mapping in Rio Grande do Sul State by means of the comparison of three classic algorithms. The methods of Becker & Li, Sobrino et al. and Kerr et al. were compared for the minimum LST estimation, using nocturnal and predawn images. Both emissivity and LST data were obtained by means of mathematical combinations of the visible, near-infrared and thermal detected radiation of the AVHRR/NOAA sensor. The AVHRR sensor is suitable for LST mapping for the overall conditions of soil coverage in Rio Grande do Sul, once the estimated LST, by the three tested methods, was close to the measured air temperature at the selected locations. Sobrino et al. was the most adequate method.

  3. Influência da temperatura interpasse nas propriedades do aço inoxidável duplex durante a soldagem pelo processo a arco submerso

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Tatiana Resende Alvarez

    2014-06-01

    Full Text Available Os aços inoxidáveis duplex (AID são materiais que apresentam elevada resistência à corrosão com altos valores de resistência mecânica motivando sua utilização em diversos componentes de processo na indústria offshore. No entanto, existem grandes desafios na soldagem destes materiais em termos de produtividade e qualidade da junta produzida, tendo em vista sua ampla utilização desde componentes de pequenas espessuras, tais como umbilicais, até de grandes espessuras, como tubulações de linhas de injeção de água salgada. No que concerne a tubulações de espessuras pequenas é empregado satisfatoriamente o processo de soldagem Gas Tungsten Arc Welding (GTAW conhecido como TIG. No que diz a respeito a tubulações de paredes espessas foi implementado, recentemente, o processo automático de soldagem por arco submerso (SAW na linha de pré-montagem de tubulações, aumentando consideravelmente a produtividade das juntas produzidas. No entanto, existe uma grande demanda de tempo para a realização de um novo passe de solda, em virtude da máxima temperatura interpasse exigida ser inferior a 150ºC. Portanto, o presente trabalho apresenta os resultados da caracterização e avaliação da resistência à corrosão de uma junta soldada correspondente a uma tubulação de aço inoxidável duplex (AID UNS S31803 de 21,4 mm de espessura de parede soldada pelos processos de soldagem MIG (GMAW na raiz e arco submerso (SAW no enchimento e acabamento, empregando-se temperaturas interpasses entre 150 e 290ºC. Os resultados da caracterização das propriedades mecânicas, composição química e resistência à corrosão em diversas regiões da junta soldada foram comparadas com os obtidos para o metal de base (MB da tubulação, assim como com os valores mínimos exigidos pelas normas de projeto. Deste modo, o presente trabalho permite avaliar a influência da temperatura interpasse nas propriedades da junta em decorrência de um poss

  4. Software para Controle de Temperatura em Estufas

    OpenAIRE

    Silva, Antonio Carlos Alves; Universidade Federal de Lavras; Kanazawa, Edna Mie; Universidade Federal de Lavras; de Carvalho, Karina Dutra; Universidade Federal de Lavras; Kinoshita, Vanessa Godoy; Universidade Federal de Lavras; Uchoa, Joaquim Quinteiro; Universidade Federal de Lavras; Lacerda, Wilian Soares; Universidade Federal de Lavras; Schneider, Bruno de Oliveira; Universidade Federal de Lavras

    2004-01-01

    Neste trabalho é apresentado o projeto desenvolvido para controle de temperatura em estufas, denominado CTE, utilizando uma Interface de Aquisição e Controle de Dados. Todo o controle é feito via software, onde pode-se optar por dois tipos de controle: o controle automático, onde é possível definir-se a temperatura mínima e máxima; ou o controle manual, onde o usuário poderá optar por acionar periféricos de aquecimento, resfriamento e desligamento da estufa. Foi desenvolvida também uma interf...

  5. Influence of storage temperature on Epidendrum ibaguense flowers = Influência da temperatura de armazenamento em flores de Epidendrum ibaguense.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ana Maria Mapeli

    2011-01-01

    Full Text Available The present work was carried out to evaluate the influence oftemperature and wet-versus-dry storage on longevity, respiration and ethylene production during storage of E. ibaguense flowers. The inflorescences were harvested and stored at 5, 10, 15, 20, 25, 30, 35, and 40oC, in water or dry, until complete senescence. Respiration increased when inflorescences were treated with wet or dry storage. The Q10 factor for this flower, at temperatures ranging from 5 to 40°C, was similar to most fresh horticultural products, varying between 1.2 and 3.31 depending on storage temperature. Production of ethylene by the inflorescence was maximal at 20ºC for flowers maintained in water, and at 35°C for those flowers kept dry, followedby a sharp drop in both treatments. A maximal shelf life for cut flowers was obtained when the inflorescences were stored wet at 10°C. Symptoms of chilling were observed in flowers stored in water after six to seven days at 5°C, showing petal wilting and necrosis of the labellum. At 40°C, flowers stored dry showed severe petal wilting anddarkening of bud petals less than one day after harvest.O presente trabalho avaliou a influência da temperatura e armazenamento úmido e seco sobre a longevidade, respiração e produção de etileno de flores de Epidendrum ibaguense. As hastes foram colhidas, colocadas em vaso e armazenadas em temperatura de 5, 10, 15, 20, 25, 30, 35 e 40oC, em água ou a seco, até completa senescência das flores. A respiração aumentou quando as inflorescências foram tratadas com armazenamento úmido ou seco. O fator Q10 para estas flores, na faixa de temperatura de 5 a 40ºC, foi similar a da maioria dos produtos hortícolas, variando de 1,2 a 3,3, dependendo da temperatura de armazenamento. A produção de etileno foi máxima a 20ºC, para as flores mantidas em água, e a 35ºC para aquelasmantidas a seco, e a partir destas temperaturas houve redução em ambos os tratamentos. A longevidade foi m

  6. INFLUÊNCIA DA TEMPERATURA NA GERMINAÇÃO DE DIÁSPOROS DE Ocotea odorifera (Vellozo Rohwer (CANELA-SASSAFRÁS

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Antonio Carlos Nogueira

    2005-06-01

    Full Text Available O presente experimento foi conduzido no Laboratório de Sementes Florestais do Departamento de Ciências Florestais – UFPR, com o objetivo de avaliar a influência das temperaturas de 20, 25 e 30º C e da remoção do envoltório (endocarpo e tegumento na germinação de diásporos de Ocotea odorífera. O material coletado no Município de Fazenda Rio Grande-PR, em um trecho de Floresta Ombrófila Mista Primária Alterada, foi analisado estatisticamente por meio de delineamento inteiramente casualisado. Concluiu-se que os diásporos sem envoltório apresentaram maior velocidade e porcentagem de germinação nas temperaturas de 25 e 30 º C.

  7. Desempenho de sementes peletizadas de alface em função do material cimentante e da temperatura de secagem dos péletes

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Silva João Bosco C.

    2002-01-01

    Full Text Available Sementes de alface da cultivar Grand Rapids Nacional foram peletizadas, utilizando-se como material de enchimento, a mistura de microcelulose e areia fina em volumes iguais e, como material cimentante, diferentes volumes de suspensão aquosa de bentonita e de acetato de polivinila, em cinco proporções (%: 100+0; 75+25; 50+50; 25+75; e 0+100. Os cimentantes foram aplicados em separado, sendo a bentonita aplicada na primeira camada de recobrimento das sementes. Após a peletização, as sementes foram submetidas à secagem sob temperaturas de 15 e 36degreesC, e avaliadas quanto à germinação e emergência das plântulas. As combinações de cimentantes utilizadas na peletização e a temperatura de secagem não afetaram significativamente a porcentagem final de germinação das sementes em gerbox. Na avaliação da emergência de plântulas em bandejas, apenas duas formulações de péletes apresentaram menor taxa em relação ao tratamento com desempenho máximo, indicando que as diferenças obtidas não foram devidas às diferenças na formulação do recobrimento e nem à temperatura de secagem. Independentemente da temperatura de secagem, todas as formulações utilizadas na peletização causaram redução na velocidade de germinação. Entretanto, quando semeadas em substrato orgânico e cultivadas em casa de vegetação, as sementes revestidas com várias formulações apresentaram índices de velocidade de emergência semelhantes aos das sementes não peletizadas. Neste ambiente, as plântulas oriundas de sementes peletizadas apresentaram crescimento normal, sem diferenças significativas com a testemunha, em relação à produção de matéria seca da parte aérea e das raízes, avaliadas aos 20 dias após a semeadura.

  8. RELAÇÃO ENTRE TEMPERATURA DE SUPERFÍCIE TERRESTRE, ÍNDICES ESPECTRAIS E CLASSES DE COBERTURA DA TERRA NO MUNICÍPIO DE GOIÂNIA (GO

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Silvio Braz de SOUSA

    2012-12-01

    Full Text Available Partindo-se do conceito de heterogeneidade da paisagem urbana, espera-se que diferentes paisagens apresentem distintos comportamentos termais, visto que, cada espaço da cidade possui particularidades quanto aos tipos e intensidades de cobertura e uso da terra. O presente trabalho, tendo como área de estudo o município de Goiânia, capital do estado de Goiás, busca analisar a relação dos diversos tipos de uso e intensidade de urbanização com o comportamento térmico superficial e, sua correlação com índices espectrais (NDBI e SAVI, utilizando para isso dados do sensor ETM+ abordo do satélite Landsat 7. Foram efetuadas amostragens aleatórias e utilizado como referência para a definição de uso e cobertura da terra uma imagem de alta resolução do satélite Quickbird. NDBI e temperatura de superfície terrestre apresentaram boa correlação (r² de 0,74. Áreas com cobertura de solo exposto, como áreas de plantio, queimadas e bairros sem cobertura asfáltica registraram altas temperaturas (maiores que 38 ºC. As temperaturas amenas registradas (< 23 e 30 ºC correspondem a áreas de vegetação densa, como as matas de galerias, o Jardim Botânico e o Parque Estadual Altamiro de Moura Pacheco, registrou-se uma diferença de até 8ºC em relação a áreas antropizadas.

  9. Avaliação da contaminação microbiana e de parâmetros ambientais – temperatura, ventilação e umidade - na Biblioteca Central da Universidade Federal de Santa Maria/RS: acervos da Coleção Teses e Coletânea UFSM

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Lizandra Veleda Arabidian

    2014-12-01

    Full Text Available Este artigo analisará um estudo da biodeterioração em dois acervos que fazem parte do patrimônio documental da UFSM. O estudo enfatiza a importância da preservação documental, uma das funções fundamentais para a conservação dos acervos de bibliotecas. A pesquisa tem foco nos problemas ambientais avaliados, que são os microrganismos presentes no ambiente e as condições de umidade, iluminação, ventilação e temperatura no período de um ano. O diagnóstico foi realizado através da observação direta dos acervos, permitindo detectar as necessidades para conservação e preservação destes ambientes através de um plano de ações. Para a realização deste trabalho, foram estudados referenciais teóricos, levantamentos fotográficos, assim como a coleta e identificação de agentes microbiológicos, das condições de umidade, iluminação, ventilação e temperatura no ambiente. Os resultados identificaram as bactérias Bacillus sp., Serratia plymuthica, Acinetobacter sp., Bordetella trematum, Pseudomonas sp., Enterobacter agglomerans, Moraxella sp., Micrococcus, Staphylococcus coagulase negativa, Staphylococcus epidermidis, Aeromonas sp., Enterococcus sp., Cedecea lapagei, Nocardia sp., Pseudomonas aeruginosa e fungos Penicillium sp., Fusarium sp.e Cladosporium sp., considerados microrganismos patogênicos ou alergênicos. Na análise dos dados verificou-se que há a necessidade de usar recursos para a correção de índices elevados de umidade e temperatura no ambiente da Biblioteca da UFSM.

  10. Comparison between tympanic and anal temperature with a clinical infrared ray thermometer in dogs Comparação entre a temperatura timpânica e a temperatura anal usando um termômetro clínico de raio infravermelho em cães

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    G.G.S. Wiedemann

    2006-08-01

    Full Text Available A clinical thermometer of infrared rays was used twice to record consecutively the temperature of the tympanic membrane in each ear and in the anus of 53 dogs. Temperatures did not differ significantly between organs, and were strongly correlated. The anal temperature measurement with an infrared thermometer in dogs is feasible and trustworthy, as well as the thermal checking of tympanic temperature.Utilizou-se um termômetro clínico de emissão de raios infravermelhos para medir, duas vezes consecutivas, a temperatura da membrana timpânica de cada ouvido e duas vezes a temperatura no ânus de 53 cães. Não houve diferença entre as temperaturas quanto ao órgão estudado e a correlação entre as temperaturas foi alta. Em cães, a medida da temperatura anal com o termômetro clínico de emissão de raios infravermelhos é rápida e confiável tanto quanto a da temperatura timpânica.

  11. Análise comparativa da temperatura nas mantas asfálticas em diferentes condições de exposição.

    OpenAIRE

    Joffily, Irene de Azevedo Lima

    2013-01-01

    Frente à nova exigência da norma de desempenho NBR 15575-1, será necessário um maior conhecimento do desempenho dos materiais e sistemas utilizados na construção civil. No caso dos sistemas impermeabilizantes, pouco se conhece sobre o desempenho dos mesmos. Contudo, com relação às mantas asfálticas, sabe-se que a temperatura na superfície da mesma irá influenciar o seu desempenho. Logo, este trabalho apresenta os resultados iniciais de um estudo de desempenho das mantas asfálticas em diferent...

  12. Estudo micrometeorológico com cenouras (var. nantes I- Influência da temperatura do ar Micrometebeologic study with carrots (var. nantes. I- Influence of air temperature

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Orivaldo Brunini

    1976-01-01

    Full Text Available Analisou-se o efeito da temperatura do ar sobre o desenvolvimento de cenouras (var. Nantes, cultivadas em latossolo roxo sob quatro condições: com cobertura de plástico sobre a cultura em solo nu; sem cobertura de plástico sobre a cultura e solo com cobertura morta; com cobertura de plástico sobre a cultura e solo com cobertura morta; e sem cobertura de plástico sobre a cultura e solo nu. O tratamento com cobertura de plástico e solo eom cobertura morta foi o que apresentou maior produtividade, além de diminuir o ciclo da cultura. As variações térmicas mostraram-se correlacionadas com o tipo de cobertura a que esteve sujeita a cultura, sendo que o tratamento com cobertura de plástico e solo com cobertura morta apresentou maiores valores da temperatura do ar, e o tratamento sem cobertura conservando o solo nu apresentou menores valores da temperatura do ar.The effect of air temperature on the development of carrots (var. nantes was analysed under four conditions: with polyethylene cover over the crops, and bare soil: without polyethylene cover over the crop, and soil with mulch; with polyethylene cover over the crops, and mulch; and without polyethylene cover over the crop, and bare soil. The treatment with polyethylene cover over the crop and soil with mulch increased the yields and shortened the maturity date. The thermal variations of air were correlated with the type of mulch, and the yields were correlated with air temperature too.

  13. EFEITO DA TEMPERATURA E DO USO DE EMBALAGEM NA CONSERVAÇÃO PÓS-COLHEITA DE FRUTOS DE CAGAITA (Eugenia dysentericaDC.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    JULIANA DE OLIVEIRA CARNEIRO

    2015-09-01

    Full Text Available RESUMO Eugenia dysenterica DC. (cagaiteira destaca-se entre as espécies nativas do Cerrado por produzir frutos de sabor agradável, os quais podem ser consumidos tanto in natura quanto processados na forma de doces, compotas e geleias. Apesar do potencial econômico, é uma planta pouco explorada, principalmente devido à baixa durabilidade dos frutos. Assim, este trabalho teve como objetivo avaliar o efeito da embalagem e da temperatura sobre a conservação pós-colheita de frutos de E. dysenterica. Para isto, os frutos de cagaita foram coletados no estádio verde-maduro, ainda ligados à planta-mãe, e levados ao Laboratório de Botânica da Universidade Federal da Bahia, onde foram selecionados quanto à integridade física, ausência de danos mecânicos epatogênicos. Após lavagem em água corrente, os frutos foram secos e acondicionados em bandejas de poliestireno expandido, cobertas por filme de policloreto de vinila (PVC de 10 micras, perfurados e sem perfuração, e em bandejas sem revestimento de PVC. A perfuração foi realizada visando a maior circulação de ar dentro das embalagens. Em seguida, foram armazenados em duas temperaturas, 5 e 25ºC. Para a avaliação da durabilidade dos frutos, foram realizadas avaliações diárias das características físicas e químicas, incluindo coloração, firmeza, pH, perda de massa, altura e diâmetro. O metabolismo de carboidratos também foi avaliado por meio da quantificação dos açúcares solúveis. Os frutos da cagaita apresentaram durabilidade de 5 dias, independentemente dos tratamentos utilizados, sendo que os submetidos à refrigeração apresentaram sintomas de injúria por frio, alteração da coloração e firmeza (25%, redução de pH e do consumo de carboidratos. Já em frutos mantidos a 25ºC, houve amarelecimento completo, perda de firmeza, aumento do pH e maior consumo de carboidratos. Verificou-se que o uso de embalagens, praticamente, não promoveu efeitos ben

  14. FATORES QUE CONTROLAM A TEMPERATURA DE SUPERFÍCIE DOS SOLOS DO NOROESTE DO PARANÁ

    OpenAIRE

    Otávio Cristiano Montanher; Danilo Rafael Bastos Rezende Espíndola

    2017-01-01

    Este artigo apresenta um estudo da temperatura de superfície de solos da região noroeste do Estado do Paraná. Essa região possui duas formações rochosas predominantes: formação Caiuá (Kc) e formação Serra Geral (JKsg). Os solos que se desenvolvem sobre essas formações possuem texturas arenosas e argilosas. Formulou-se a seguinte questão: em total exposição, tais solos possuem diferentes valores de temperatura de superfície? Adicionalmente, também foi avaliado o papel térmico da cobertura vege...

  15. Temperatura e umidade relativa na qualidade da tangerina "Montenegrina" armazenada Temperature and relative humidity during cold storage of 'Montenegrina' tangerine

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Auri Brackmann

    2008-04-01

    Full Text Available O presente trabalho foi conduzido com o objetivo de avaliar o efeito da temperatura e da umidade relativa do ar (UR sobre a manutenção da qualidade de tangerinas durante o período de armazenamento refrigerado (AR. O delineamento experimental utilizado foi inteiramente casualizado, em esquema bifatorial, com oito repetições, contendo 15 frutos cada. Os tratamentos avaliados constituíram-se da combinação das temperaturas 2, 3 e 4°C, com UR do ar de 90 e 96%. Após oito e 12 semanas de armazenamento, mais três dias de exposição a 20°C, foram realizadas as seguintes análises: acidez total titulável (ATT, sólidos solúveis totais (SST, consistência dos frutos, incidência de podridões e suculência. De acordo com os resultados obtidos, os frutos armazenados a 3°C + UR do ar de 90% apresentaram ATT, SST e consistência mais elevada, após oito e 12 semanas de AR. A incidência de podridão foi significativamente superior nos tratamentos com alta UR do ar (96%. Injúrias provocadas pela baixa temperatura ocorreram em alguns frutos no tratamento a 2°C. Não se constatou diferença significativa na suculência entre os tratamentos em ambas as datas de avaliação. A temperatura de 3°C combinada com UR de 90% apresentou os melhores resultados na conservação de tangerinas "Montenegrina", que podem ser armazenadas por um período de até oito semanas.This research was conducted in order to evaluate the effect of temperature and relative humidity (RH on the quality of tangerines during cold storage. The experimental design was entirely randomized, in a bifatorial design with eight replications of 15 fruits. The treatments were the combination of three temperatures (2, 3 and 4oC and two RH levels (90 and 96%. Evaluations of quality were performed after 8 and 12 weeks of cold storage plus 3 days of shelf life at 20°C. The analyzed parameters were: total titratable acidity (TTA, total soluble solids (TSS, fruits consistency, rot

  16. Tolerância à temperatura e ao enriquecimento de nutrientes de larvas simbióticas da espécie de coral Pocillopora damicornis

    OpenAIRE

    Gouveia, Raúl José Trindade Ramos, 1975

    2012-01-01

    Tese de mestrado. Biologia (Ecologia Marinha). Universidade de Lisboa, Faculdade de Ciências, 2012 Os recifes de coral estão cada vez mais ameaçados por distúrbios ambientais com origem em atividades humanas, como o aumento da temperatura média das águas marinhas tropicais e o aumento da concentração dos seus nutrientes nas zonas costeiras, que potenciam o decréscimo global da distribuição e diversidade específica dos corais no meio natural. A reprodução sexuada ex situ de corais duros rep...

  17. Avaliação do modelo de pressão e temperatura global da Universidade de Viena com dados de sensores meteorológicos no Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Wagner Carrupt Machado

    2013-03-01

    Full Text Available Os sinais GNSS sofrem refração ao se propagarem pela atmosfera neutra, introduzindo o atraso troposférico, que pode chegar a cerca de 25 m, nas medidas de distância entre os satélite e o receptor. Devido às características da atmosfera neutra, é conveniente dividir o atraso troposférico em duas componentes: a hidrostática e a úmida. Modelos que requerem informações de pressão, temperatura e umidade relativa do ar, tais como o desenvolvido por Hopfield, podem ser utilizados para minimizar os efeitos desta camada da atmosfera nos sinais GNSS, sobretudo da componente hidrostática. As informações meteorológicas podem ser obtidas a partir de sensores meteorológicos, modelos de previsão numérica do tempo (PNT, redução de dados de uma atmosfera padrão ou de modelos empíricos, como o modelo de pressão e temperatura global (Global Pressure and Temperature - GPT que foi desenvolvido na Universidade de Viena, Áustria. Dentre as opções citadas, a última se destaca devido à facilidade de uso. Esta pesquisa apresenta uma comparação entre as grandezas produzidas pelo modelo GPT com dados observados em dez estações meteorológicas automáticas (EMA do Instituto Nacional de Meteorologia (INMET, localizadas em diferentes regiões do Brasil. Os experimentos foram conduzidos com dados do ano de 2010. Análises acerca da diferença de pressão e da diferença de temperatura mostram que o modelo GPT calcula as grandezas meteorológicas com acurácia de 4,3 hPa e 4,5 °C, respectivamente.

  18. Temperatura corporal, índice Aldrete e Kroulik e alta do paciente da Unidade de Recuperação Pós-Anestésica

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fernanda Salim Ferreira de Castro

    2012-08-01

    Full Text Available A alta do paciente da recuperação pós-anestésica (RPA depende, dentre outros fatores, do retorno à normotermia e do escore alcançado pelo Índice de Aldrete e Kroulik. Sendo assim, o objetivo deste estudo foi verificar a relação entre o Índice de Aldrete e Kroulik e a temperatura corporal dos pacientes. O local de pesquisa foi o Hospital Universitário da Universidade de São Paulo. O cálculo amostral foi determinado por conveniência e foi constituído por 60 pacientes, entre 18 e 60 anos, submetidos à anestesia geral. Foram verificados a temperatura corporal na região timpânica e o Índice de Aldrete e Kroulik do paciente na recepção e alta da recuperação pós-anestésica. Os dados obtidos foram processados pelo pacote estatístico SPSS, com um nível de 5% de significância, e aplicaram-se o teste de Spearman e o teste de Wilcoxon. Conclui-se que não houve correlação significativa entre os dois parâmetros indicativos de alta.

  19. Efeito da temperatura e tratamentos pré-germinativos na germinação e vigor de plântulas de Jatropha curcas L.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Leandro Henrique de Sousa Mota

    2012-05-01

    Full Text Available http://dx.doi.org/10.5007/2175-7925.2012v25n3p29   Não existem normas oficiais para o teste de germinação do pinhão manso e são poucos os estudos quanto a tentativa de otimizar a germinação. O objetivo deste trabalho foi avaliar o efeito de diferentes temperaturas e tratamentos pré-germinativos sobre a germinação e vigor de plântulas de pinhão manso. Os tratamentos foram dispostos em delineamento inteiramente casualizado em esquema fatorial com quatro temperaturas (20, 25, 30 e 20-30°C x dois tipos de sementes (com e sem tegumento das sementes x seis períodos de pré-embebição (0, 6, 12, 18, 24 e 30h. A semeadura foi realizada em sistema de rolo, com quatro repetições de 50 sementes para cada tratamento. A porcentagem de germinação foi maior na temperatura de 25°C quando o tegumento das sementes foi mantido. Conforme se aumentou o tempo de pré-embebição, maiores foram as reduções da porcentagem de germinação, do índice de velocidade de germinação e da porcentagem de germinação da primeira contagem. A pré-embebição por até 12h propiciou um maior crescimento do hipocótilo. O potencial máximo de germinação e maior vigor de plântulas de pinhão manso foram obtidos a 25°C em sementes que não foram pré-embebidas e quando o tegumento foi mantido.

  20. Crioterapia no pos-parto: tempo de aplicacao e mudancas na temperatura perineal

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Adriana Amorim Francisco

    2013-06-01

    Full Text Available Estudo descritivo com dados de dois ensaios clínicos realizados em 2008 e 2009 em uma maternidade de uma instituição filantrópica da cidade de São Paulo. Teve como objetivo descrever a temperatura perineal após a aplicação de bolsa de gelo no pós-parto normal. Três grupos com 38 puérperas cada (n=114 receberam aplicação perineal de bolsa de gelo entre 2 e 48h após o parto. Os achados indicaram que com 10 min de crioterapia as médias da temperatura perineal atingiram de 13,3 a 15,3oC, com pequena redução de temperatura ao final de aplicações de 15 e 20 minutos (2,4 e 2,7o, respectivamente. Após resfriamento por 10 min., as mulheres referiram frio e alívio e, depois de 15 a 20 min., dormência e anestesia local. Conclui-se que 10 minutos de aplicação foram suficientes para reduzir a temperatura perineal aos níveis recomendados para analgesia (10-15oC.

  1. Influência da irrigação intraperitoneal de solução salina em diferentes temperaturas na formação de aderências e prevenção de hipotermia após pneumoperitônio em ratos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Oswaldo Lourenço de Molla Neto

    Full Text Available Este estudo experimental em ratos avalia a influência da irrigação da cavidade peritoneal com solução salina isotônica (0,9 %, em diferentes temperaturas, na formação de aderências peritoneais e prevenção de hipotermia após pneumoperitônio. Foram utilizados 80 ratos divididos em quatro grupos de 20 animais: grupo controle (G1 sem irrigação, grupos com irrigação a temperatura ambiente 22,0°C (G2, a 35,0°C (G3 e a 45,0°C (G4. A análise da hipotermia foi realizada através da monitorização da temperatura retal em três diferentes momentos: após a anestesia (T1, cinco minutos depois da insuflação de dióxido de carbono (T2 e cinco minutos após a irrigação com solução salina (T3. Os animais foram sacrificados no 28º dia de pós-operatório. Observaram-se aderências nos grupos com irrigação, sendo que, com salina à temperatura de 45,0ºC houve maior formação de aderências (30,0% , porém, esta diferença não foi significante. No G2 ocorreu uma queda significante na temperatura média retal quando comparada aos demais grupos, demonstrando que a hipotermia na cirurgia laparoscópica pode ser reduzida com o uso de solução salina aquecida.

  2. Otimização da produção do carvão vegetal por meio do controle de temperaturas de carbonização

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Aylson Costa Oliveira

    2013-06-01

    Full Text Available Embora nos últimos anos diversas pesquisas tenham sido desenvolvidas com o intuito de melhorar os índices de qualidade da madeira (densidade básica, composição química, grande parte da produção brasileira de carvão ainda ocorre em fornos com baixo rendimento gravimétrico e com emissões de gases poluentes. Na tentativa de alterar esse cenário, este trabalho objetivou avaliar o funcionamento de um sistema forno-fornalha e também o ajuste de faixas de controle da carbonização em função do tempo e da temperatura, levando-se em consideração a degradação térmica da madeira, com vistas a maximizar o rendimento em carvão vegetal. Foram construídos três fornos circulares de alvenaria acoplados a uma fornalha, para queima dos gases gerados durante a carbonização. O controle da carbonização foi realizado através da mensuração da temperatura interna com sensor infravermelho. De acordo com os resultados, o controle da carbonização realizado com base nas faixas de carbonização proporcionou rendimento médio de 33% de carvão, 8% de atiço e 3% de finos. A fornalha mostrou-se eficiente na redução de emissão de fumaça para o ambiente, funcionando durante um terço do tempo de carbonização. Conclui-se que o sistema forno-fornalha apresenta produção satisfatória de carvão vegetal, com baixa emissão de fumaça durante a carbonização da madeira.

  3. INFLUÊNCIA DA TEMPERATURA NO DESEMPENHO DE BIODIGESTORES COM ESTERCO BOVINO

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Larissa Rodrigues de Castro

    1998-04-01

    Full Text Available RESUMO A presente pesquisa trata do estudo de biodigestores de batelada mantidos a diferentes temperaturas, visando analisar os níveis mais favoráveis à produção de biogás e à degradação de sólidos totais e voláteis de esterco bovino. A temperatura mais adequada obtida em laboratório (31ºC foi aplicada em um biodigestor rural modelo indiano, com 10m3 de capacidade, a fim de se verificar seu desempenho.

  4. Influência da temperatura ambiente sobre o desempenho e os parâmetros fisiológicos de suínos machos castrados dos 30 aos 60 kg

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Tavares Sandra Lúcia da Silva

    2000-01-01

    Full Text Available RESUMO - O presente trabalho foi realizado para avaliar a influência de ambientes térmicos constantes (termoneutro e calor sobre o desempenho e as variáveis fisiológicas de suínos machos castrados dos 30 aos 60 kg PV. Cem animais foram distribuídos em delineamento em blocos ao acaso, com cinco tratamentos (3100, 3250, 3400, 3550 e 3700 kcal de ED/kg de ração, cinco repetições e dois animais por unidade experimental. Ganho de peso, consumo de ração, proteína e energia, conversão alimentar e eficiência de utilização da proteína e da energia foram reduzidos no ambiente de calor. A relação peso jejum/peso vivo foi maior no ambiente de calor e a relação peso carcaça/peso jejum não foi influenciada pela temperatura ambiente. A taxa de deposição de proteína elevou e a de gordura decresceu com o aumento da temperatura no ambiente. A temperatura ambiente reduziu o peso dos órgãos internos e aumentou a freqüência respiratória, nos animais mantidos no ambiente de calor. Embora a conversão alimentar tenha piorado no ambiente de calor, os animais mantidos neste ambiente apresentaram maior taxa de deposição de proteína na carcaça.

  5. Study of the difference in rectal and ear canal temperature according to the conformation of the acoustic conch in dogsEstudo da diferença das temperaturas retal e do canal auditivo de acordo com a conformação da concha acústica em cães

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Eduardo Negri Mueller

    2012-10-01

    Full Text Available The auditory thermometry has being used for measurement of temperature of dogs. However there is different acoustic conch conformation in this species, being that the pendulous ears can alter the auditory microclimate. This research aimed to study the difference of rectal and auditory canal temperatures according to acoustic conch conformation in dogs. One hundred and eleven dogs were used with erect ears (group I, semi-pendulous (group II and pendulous (group II with 37 animals each group. The measurement of rectal temperature (TR was realized with traditional thermometer mercury column and measurement of both external ears temperature with infrared ear thermometer. The average hearing temperature (TAM was obtained and realized difference between TR and TAM, being the results classify in scores, A=TAMA termometria auditiva vem sendo utilizada para mensuração da temperatura em cães. Porém, existem diferentes conformações da concha acústica nesta espécie, sendo que orelhas pendulares podem alterar o microclima auditivo. Portanto, objetivou-se estudar a diferença das temperaturas retal e do canal auditivo de acordo com a conformação da concha acústica em cães. Foram utilizados 111 cães hígidos com orelhas ereta (grupo I, semipendular (grupo II e pendular (grupo III com 37 animais cada. A aferição da temperatura retal (TR foi realizada com termômetro tradicional coluna de mercúrio e aferição da temperatura de ambas as orelhas externas com termômetro auricular infravermelho. Foi obtida temperatura auditiva média (TAM e realizada diferença entre TR e TAM, sendo os resultados classificados em escores, A=TAMda TAM foi 37,15ºC±0,81, enquanto que a da TR foi 38,68ºC±0,59. A diferença média entre TAM e TR foi 1,53ºC±0,75. Setenta e uma orelhas (63,96% foram classificadas no escore B e 40 (36,04% no escore A. A média da TAM foi 37,17°C±0,85, 37,35°C±0,50 e 36

  6. Crioterapia no pos-parto: tempo de aplicacao e mudancas na temperatura perineal

    OpenAIRE

    Adriana Amorim Francisco; Sonia Maria Junqueira Vasconcellos de Oliveira; Lucila Coca Leventhal; Caroline de Souza Bosco

    2013-01-01

    Estudo descritivo com dados de dois ensaios clínicos realizados em 2008 e 2009 em uma maternidade de uma instituição filantrópica da cidade de São Paulo. Teve como objetivo descrever a temperatura perineal após a aplicação de bolsa de gelo no pós-parto normal. Três grupos com 38 puérperas cada (n=114) receberam aplicação perineal de bolsa de gelo entre 2 e 48h após o parto. Os achados indicaram que com 10 min de crioterapia as médias da temperatura perineal atingiram de 13,3 a 15,3oC, com peq...

  7. Influência da temperatura de secagem em leito de jorro sob as características físico-químicas do repolho roxo

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Analha Dyalla Feitosa Lins

    2016-04-01

    Full Text Available O repolho é uma hortaliça folhosa com grande valor nutritivo e poder antioxidante, porém rapidamente deteriora-se pelo elevado teor de água. O processo de desidratação de polpa ou purê de frutas e hortaliças tem sido amplamente empregado, devido a preservação das qualidades nutricionais e por sua vez, a secagem em leito de jorro vem sendo amplamente utilizada por atender principalmente esse requisito. Embora os resultados relativos à qualidade dos pós, indiquem a viabilidade do leito de jorro, faz-se necessários estudar qual a influência da temperatura nas características físico-químicas do pó obtido. Tendo em vista todos os argumentos mostrados, o presente trabalho tem como objetivo estudar a influência da temperatura do leito de jorro nas características físico-químicas do repolho roxo. Primeiramente foi obtido o sumo e a caracterização físico-químico do mesmo, em seguida o mesmo foi desidratado em leito de jorro nas temperaturas de 60, 70 e 80 °C e posteriormente os pós obtidos foram submetidos a avaliação físico-química: atividade de água, teor de água, pH, acidez total titulável, teor de sólidos solúveis (°Brix e cor. Os valores de atividade de água e acidez diminuíram com o aumento da temperatura ocorrendo o inverso para os outros parâmetros. Sendo verificada uma influência significativa da temperatura sob os parâmetros físico-químicos.Influence of drying temperature in spouted bed under the physicochemical characteristics of red cabbageAbstract: Cabbage is a leafy vegetable with high nutritional value and antioxidant power, but quickly deteriorates because of the high water content. The pulp or mashed fruits and vegetables dehydration process has been widely used due to preservation of nutritional quality, and in turn, the drying in spouted bed has been widely used to cater mainly this requirement. Although the results on the quality of post indicate the feasibility of the spouted bed, it is

  8. Influência da temperatura na solubilidade de beta-caroteno em solventes orgânicos à pressão ambiente

    OpenAIRE

    Três,Marcus Vinícius; Francheschi,Elton; Borges,Gustavo Rodrigues; Dariva,Cláudio; Corazza,Fernanda de Castilhos; Oliveira,José Vladimir; Corazza,Marcos Lúcio

    2007-01-01

    O presente trabalho reporta dados experimentais de solubilidade em pressão ambiente de beta-caroteno em solventes orgânicos puros (etanol, acetona, acetato de etila e diclorometano) e em misturas de tais solventes no intervalo de temperatura de 10 a 60 °C. Para este fim, adotou-se o método gravimétrico para a determinação da solubilidade, utilizando células encamisadas de equilíbrio. Os resultados mostraram que valores mais elevados de solubilidade são obtidos quando foram empregados solvente...

  9. Tendências na variabilidade climática sazonal e anual das temperaturas máxima e mínima do ar no Estado do Paraná

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rosandro Boligon Minuzzi

    2011-01-01

    Full Text Available O presente trabalho teve por objetivo analisar a variabilidade sazonal e anual das temperaturas máxima e mínima do ar no Estado do Paraná. A Análise de Regressão e o teste de Kendall foram utilizados para testar a tendência das médias de temperatura máxima e mínima, do número de dias com registros de temperatura inferior a 3 °C, dos eventos extremos e valores absolutos diários da temperatura máxima e mínima nas escalas sazonal (verão, outono, inverno e primavera e anual. Os pontos de descontinuidade obtidos pelo Teste de Homogeneidade Normal Padrão mostram resultados mais expressivos para a temperatura máxima anual e no outono. Para esta variável meteorológica os pontos foram obtidos predominantemente no início da década de 2000. Na temperatura máxima anual e, principalmente na temperatura mínima, em todas as escalas de tempo, houve tendência de aumento. Esse aumento relativamente maior da temperatura mínima sugere uma diminuição na amplitude térmica no Paraná. Os valores dos extremos diários da temperatura mínima estão sendo maiores, porém, menos freqüentes. Por outro lado, as temperaturas máximas têm sido mais intensas e freqüentes, especialmente na primavera.

  10. temperatura

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Alirio Yovany Benavides

    2008-01-01

    Full Text Available El biodiesel de aceite de palma (BAP posee excelentes propiedades como combustible para motores. Sin embargo, asociado con su composición química altamente saturada, este biocombustible presenta un deficiente desempeño a temperaturas cercanas a la temperatura ambiente de varias ciudades colombianas. A 16 ºC, el BAP empieza a formar pequeños cristales, los cuales, a medida que la temperatura sigue disminuyendo, aceleran su crecimiento y se aglomeran, de tal modo, que a una temperatura entre 12 y 9 ºC pueden llegar a impedir completamente el flujo del combustible. En este trabajo se evaluó la técnica del fraccionamiento del BAP mediante cristalización inducida por enfriamiento para mejorar sus propiedades de flujo a baja temperatura (PFBT. Las variables tenidas en cuenta para dicho proceso fueron la temperatura de enfriamiento o de winterization (Tw y el tiempo de estabilización (tp. De acuerdo con los punto de nube (PN y fluidez (PF del BAP, el rango de temperaturas de enfriamiento que se pudo ensayar fue muy limitado (12 ºC-16 ºC. El proceso permitió obtener una fracción líquida a la Tw con mejores PFBT que el BAP original. Para las condiciones extremas probadas (tp=24 horas y Tw=14 ºC se obtuvo una fracción líquida con un PN 6 ºC menor que el del BAP sin fraccionar. Dicho cambio en el PN correspondió a un aumento en el contenido de metilésteres insaturados de 4,7% y una reducción en el contenido de metilésteres del ácido palmítico de 5,29%. Los cambios inducidos en la composición química de las fracciones líquidas no alcanzaron a tener efectos significativos en sus propiedades básicas como combustibles.

  11. Conservação da maçã 'Fuji' sob diferentes temperaturas, umidades relativas e momentos de instalação da atmosfera de armazenamento 'Fuji' apples storage under different temperatures, relative humidity and moment of establishment of controlled atmosphere conditions

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Auri Brackmann

    2000-03-01

    Full Text Available O experimento foi desenvolvido com o objetivo de avaliar o efeito da variação da temperatura e umidade relativa (UR durante o armazenamento e, do momento de instalação das condições de atmosfera controlada sobre a qualidade de maçãs cv. Fuji. Após o resfriamento lento (11 dias - de 12°C até a temperatura de armazenamento, os frutos foram armazenados em atmosfera controlada (AC com de 1kPa O2 e 0,2kPa CO2. Os tratamentos avaliados foram combinações de temperaturas (0,5 e 2,5°C, UR (91 e 96% nos primeiros 40 dias de armazenamento e instalação da atmosfera no 1º ou 4º dia após o fechamento das câmaras de AC. No restante do período, a temperatura de armazenamento, foi de 0,5°C e UR de 96%. Após oito meses de armazenamento não houve diferenças significativas nos parâmetros firmeza de polpa, acidez titulável, sólidos solúveis totais, podridão e degenerescência entre os tratamentos. No teste de prateleira (sete dias em temperatura ambiente, teor de sólidos solúveis totais foi menor para o tratamento com instalação de atmosfera no 1º dia. A redução da UR (91% nos primeiros 40 dias de armazenamento não reduziu a ocorrência de podridões. Por outro lado, a alta temperatura (2,5°C no início do armazenamento apresentou eficiência no controle da podridão.The experiment was carried out with the objective to evaluate the effect of variation of the temperature and relative humidity (RH during storage period and the rate of establishment of controlled atmosphere conditions on the quality of ‘Fuji’ apples. After cooling down during 11 days (12°C to storage temperature, the fruits were stored in controlled atmosphere (CA with 1kPa O2 and 0,2kPa CO2. The evaluated treatments were combinations of initial temperatures (0.5°C and 2.5°C, initial RH (91 and 96% during the first 40 storage days and pull down of oxygen in the CA store (first or fourth day after CA chamber closing. Afterward the fruits were maintened at 0

  12. Qualidade pós-colheita de Physalis sob temperatura ambiente e refrigeração

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cláudia Simone Madruga Lima

    2013-06-01

    Full Text Available A physalis (Physalis peruviana é um pequeno fruto cujo cultivo vem se expandindo no Brasil. No entanto, informações a respeito do seu armazenamento ainda são escassas. Por isso, o objetivo deste trabalho foi avaliar a qualidade de physalis durante o armazenamento, sob temperaturas ambiente e refrigerada. A colheita foi realizada quando o cálice dos frutos apresentava coloração amarelo-esverdeada, sendo os frutos submetidos aos seguintes tratamentos: 1- armazenamento à temperatura de 20°C (± 0,5°C e 2- armazenamento à temperatura de 4°C (± 0,5°C. Foram avaliados os teores de SS, AT, SS/AT, o pH, a firmeza, a cor e a perda de massa dos frutos, a cada dois dias, durante oito dias. Foi possível observar que o emprego da refrigeração promoveu a manutenção da firmeza, auxiliando também na prevenção da perda de massa fresca, do fruto e do cálice. O teor de sólidos solúveis (SS reduziu-se significativamente, independentemente da temperatura de armazenamento dos frutos. Frutos armazenados sob refrigeração apresentaram teores superiores de acidez titulável (AT e, consequentemente, menor relação SS/AT. Os resultados, obtidos neste estudo, permitiram concluir que as modificações que ocorrem em parâmetros considerados importantes para a qualidade de physalis, como pH, AT, SS/AT, firmeza e cor, durante o período de armazenamento de frutos, podem ser minimizados com o uso da refrigeração (4 °C.

  13. Influência da embalagem de polietileno de baixa densidade e da temperatura na conservação do repolho minimamente processado Effects of low density polyethylene packaging and temperature in the conservation of fresh-cut cabbage

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria M. Rinaldi

    2004-08-01

    Full Text Available Neste trabalho, foi estudado o efeito da embalagem de polietileno de baixa densidade e da temperatura de armazenagem na conservação de repolho minimamente processado. Os repolhos, previamente resfriados à temperatura de 10 ºC, foram submetidos à seleção, lavagem, corte em quatro partes com a retirada do talo central, sanitização, corte em tiras, enxágüe, centrifugação, pesagem e acondicionamento em embalagens plásticas de polietileno de baixa densidade (70 µm e armazenados em câmaras frias nas temperaturas de 1 e 10 ºC por 20 dias. Avaliaram-se dióxido de carbono, oxigênio e etileno na atmosfera interna da embalagem, bem como pH, acidez titulável, sólidos solúveis totais, vitamina C, perda de massa fresca e relação sólidos solúveis totais/acidez no repolho minimamente processado. O delineamento estatístico utilizado foi o inteiramente casualizado, com três repetições. Os parâmetros de análise, com exceção da vitamina C, perda de massa fresca e etileno, apresentaram variação significativa entre as temperaturas e dias de armazenamento. O repolho armazenado na temperatura de 1 ºC apresentou vida de prateleira ao redor de 15 dias, significativamente maior que a 10 ºC. Nesta última, no 8º dia de armazenamento, o produto encontrava-se totalmente deteriorado, sem condições de comercialização e consumo.This research studied the effect of low density polyethylene packaging and storage temperature on the preservation of fresh-cut (minimally processed cabbage. The cabbages, previously cooled to a temperature of 10 ºC, were selected, washed, cut in four parts (with the central stalk removed, sanitized, cut in strips, rinsed, put in the centrifuge, weighed and stored in plastic packaging of low density polyethylene (70 µm, and then stored in cold chambers at temperatures of 1 and 10 ºC for 20 days. The following aspects were evaluated: carbon dioxide, oxygen and ethylene in the internal atmosphere of the package

  14. Efeito da temperatura ambiente e do empenamento sobre o desempenho de frangas leves e semipesadas Effect of environmental temperature and feather coverage on the performance of two laying-type pullets lines

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ellen Hatsumi Fukayama

    2005-12-01

    Full Text Available Este trabalho foi conduzido para determinar os efeitos da temperatura ambiente e do empenamento das aves sobre o desempenho de duas linhagens de postura na fase de crescimento (10ª a 13ª semana de idade. Foram alojadas 480 aves de reposição da marca Hy-line, sendo 240 aves de cada linhagem W-36 (leve e Brown (semipesada, em 5 câmaras climáticas com temperaturas de 12, 18, 24, 30 e 36ºC. Em cada temperatura foram avaliadas 3 coberturas de pena; 100% (não depenada, 50% (depenada em 50% do corpo e 0% (totalmente depenada. A análise estatística dos dados foi realizada segundo um esquema fatorial (5 x 3 x 2 sendo: 5 temperaturas, 3 porcentagens de cobertura de pena e 2 linhagens. Os dados foram submetidos a uma análise de regressão para a obtenção das curvas respostas com os melhores ajustes. A linhagem semipesada apresentou maior consumo de ração em relação à linhagem leve em todas as temperaturas. Houve diminuição do ganho de peso em função da redução no consumo de ração e aumento da temperatura. A linhagem leve apresentou uma maior amplitude nas faixas de conforto térmico (18,33ºC a 32,00ºC do que a linhagem semipesada (23,75ºC a 29,50ºC.This work aims to evaluate the effect of environmental temperature and feather covering on the performance of two laying-type lines pullets from (10 to 13 weeks old. Four hundred and eighteen Hy-line pullets, 240 birds of each strain W-36 (light and Brown (semi heavy were housed in five temperature controlled rooms at 12, 18, 24, 30 and 36ºC. At each temperature three feather coverings were evaluated: 100% (no plucked, 50% (50% of the body plucked and 0% (feathers removed. The statistical analysis was according to a 5 x 3 x 2 factorial scheme with 5 temperatures, 3 feather coverings and 2 strains. The data were analyzed by polynomial regression. The brown strain presented higher feed intake than the white strain at all temperatures. The decrease in feed intake with the temperature

  15. Influence of carbon source, pH, and temperature on the polygalacturonase activity of Kluyveromyces marxianus CCMB 322 Influência da fonte de carbono, pH e temperatura na atividade da enzima poligalacturonase de Kluyveromyces marxianus CCMB 322

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rodrigo de Queiroz Oliveira

    2012-09-01

    Full Text Available Microbial pectinolytic enzymes are known to play a commercially important role in a number of industrial processes. Two kinds of yeast can be discerned regarding the production of enzymes. One group includes those which can produce enzymes in the absence of an inducer, and the other group comprises the yeasts that produce enzymes in the presence of an inducer. The objective of this study was to investigate the influence of pectic substances, glucose, pH, and temperature on the polygalacturonase activity by Kluyveromyces marxianus CCMB 322. The yeast was grown in a fermentation broth containing different concentrations of glucose and pectic substances. The polygalacturonase activity was determined by the DNS method, and the pH and temperature were optimized using a central composite experimental design. The polygalacturonase secreted by K. marxianus CCMB 322 was partially constitutive showing optimum pH and temperature of 7.36 and 70 °C, respectively, and maintained approximately 93% of its original activity for 50 minutes at 50 °C. Thermal stability of the polygalacturonase enzyme was studied at different temperatures (50, 60, 70, and 80 °C and different incubation times (0, 10, 20, 30, 40, and 50 minutes. This study showed that glucose can influence the regulation of the synthesis of polygalacturonase.Enzimas pectinolíticas de origem microbiana são conhecidas por desempenhar um papel importante comercialmente em uma série de processos industriais. Dois tipos de levedura podem ser distinguidos para a produção dessas enzimas. Um grupo inclui aqueles que têm capacidade de produzi-las na ausência de um indutor e outro grupo compreende as leveduras que as produzem na presença de um indutor. O objetivo deste estudo foi investigar a influência de substâncias pécticas, de glicose, do pH e da temperatura na atividade da poligalacturonase de Kluyveromyces marxianus CCMB 322. O cultivo foi em caldo de fermentação contendo diferentes

  16. ESTUDO DE PREDIÇÃO E PREVISÃO DE TEMPERATURAS MÉDIAS DIÁRIAS DA CIDADE DE CARIACICA, ESPÍRITO SANTO, BRASIL, UTILIZANDO A METODOLOGIA DE SÉRIES TEMPORAIS

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Wanderson de Paula Pinto

    2015-03-01

    Full Text Available O estudo de séries temporais consiste em extrair periodicidades relevantes nas observações, descrever seu comportamento e fazer previsões. Neste contexto, o presente trabalho teve por objetivo modelar, bem como realizar estudo de predição e previsão de uma série temporal de temperaturas médias diárias da cidade de Cariacica, ES. A análise estatística foi realizada no software R 2.15.1 (software livre considerando 365 observações compreendidas entre o período de 01 de janeiro de 2012 e 31 de dezembro de 2012, de médias diárias de temperatura na estação de Cariacica/ES. A escolha do modelo mais adequado baseou-se no critério de informação de Akaike (AIC.  Os modelos testados tanto para a modelagem como para a previsão apresentaram resultados acurados. Dentre os modelos ajustados, o modelo ARIMA (1,1,2 foi considerado mais adequado para fazer predições e previsão da temperatura média diária no município de Cariacica, ES. 

  17. Variação de temperatura do músculo quadríceps femoral exposto a duas modalidades de crioterapia por meio de termografia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Alberito Rodrigo de Carvalho

    2012-04-01

    Full Text Available INTRODUÇÃO: Crioterapia é qualquer forma de aplicação terapêutica de frio que leva à diminuição da temperatura dos tecidos. OBJETIVO: Comparar as variações na temperatura superficial do músculo quadríceps femoral, em três momentos distintos, quando expostos a duas modalidades de crioterapia: sacos com gelo ou sacos contendo mistura de gelo e água. MATERIAIS E MÉTODOS: Participaram do estudo 18 indivíduos, com idade entre 18 e 25 anos, de ambos os sexos. Em cada voluntário foi realizada, simultaneamente, crioterapia com gelo na coxa esquerda e mistura de gelo e água na coxa direita, durante 15 minutos na região do quadríceps femoral. A temperatura superficial foi mensurada por um termógrafo e foram feitos registros nos seguintes momentos: pré-crioterapia, imediatamente e 15 e 30 minutos após a retirada da modalidade de crioterapia. RESULTADOS: Ambas as modalidades de crioterapia foram eficientes para diminuir a temperatura do quadríceps femoral e a mistura de gelo e água foi capaz de induzir a uma temperatura mais baixa em relação àquela modalidade que usou somente gelo. O resfriamento, para ambas as modalidades, perdurou por, pelo menos, 15 minutos após a retirada do gelo e a temperatura superficial já estava restaurada ao nível pré-aplicação aos 30 minutos após a retirada. CONCLUSÃO: Ambas as modalidades promoveram redução da temperatura que perdurou, pelo menos, durante 15 minutos; e após 30 minutos da retirada das modalidades a temperatura foi restabelecida aos níveis normais. Contudo, a mistura de gelo e água produziu resfriamento maior do que a modalidade de gelo sozinho.

  18. Qualidade de ameixas 'Laetitia' em função da temperatura e da atmosfera de armazenamento Quality of 'Laetitia' plums as affected by temperature and storage atmosphere

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Erlani de Oliveira Alves

    2010-12-01

    Full Text Available O objetivo deste trabalho foi avaliar o efeito da temperatura e de atmosferas de armazenamento sobre a manutenção da qualidade de ameixas 'Laetitia'. Os tratamentos avaliados constituíram-se na combinação de duas temperaturas (-0,5ºC e 0,5ºC, com três atmosferas de armazenamento: armazenamento refrigerado (AR, com 21,0 kPa de O2 + 0,03 kPa de CO2; atmosfera controlada (AC, com 1,0 kPa de O2 + 3,0 kPa de CO2; e AC, com 2,0 kPa de O2 + 5,0 kPa de CO2. Após 60 dias de armazenamento, foram avaliadas: taxas respiratória e de produção de etileno, acidez titulável (AT, firmeza de polpa, atributos de textura, índice de cor vermelha e ângulo 'hue' (hº da casca, e incidência de rachaduras, podridões e degenerescência da polpa. O armazenamento refrigerado a -0,5ºC resultou em menores valores para o índice de cor vermelha, taxa respiratória e de produção de etileno e incidência de frutos rachados. Em ambas as condições de AC, a temperatura de 0,5ºC resultou em menor índice de cor vermelha, cor da epiderme mais verde, maior firmeza de polpa e menor taxa de produção de etileno, tanto na abertura da câmara como após quatro dias em condição ambiente. As condições de AC retardaram o amadurecimento dos frutos e reduziram a incidência de degenerescência de polpa. O armazenamento em AC, com 2,0 kPa de O2 + 5,0 kPa de CO2, a 0,5ºC, proporcionou menor taxa respiratória e menor incidência de podridões na saída da câmara, mas maior AT e força para penetração da polpa, após quatro dias em condição ambiente. No entanto, o armazenamento da ameixa 'Laetitia', nas condições de AC avaliadas, por um período de 60 dias, não reduziu a incidência de degenerescência da polpa.The aim of this work was to evaluate the effect of temperature and storage atmospheres on the quality of 'Laetitia' plums. The treatments were obtained from the combination of two temperatures (-0.5ºC and 0.5ºC with three storage atmospheres: cold

  19. Temperature effect in potassium and nitrate ions in soil transport Efeito da temperatura no transporte dos íons potássio e nitrato no solo

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Adriano D. M. A. Gonçalves

    2008-09-01

    Full Text Available When doing researches on solute dynamics in porous medium, the knowledge of medium characteristics and percolating liquids, as well as of external factors is very important. An important external factor is temperature and, in this sense, our purpose was determining potassium and nitrate transport parameters for different values of temperature, in miscible displacement experiments. Evaluated parameters were retardation factor (R, diffusion/dispersion coefficient (D and dispersivity, at ambient temperature (25 up to 28 ºC, 40 ºC and 50 ºC. Salts used were potassium nitrate and potassium chlorate, prepared in a solution made up of 5 ppm nitrate and 2.000 ppm potassium, with Red-Yellow Latosol porous medium. Temperature exhibited a positive influence upon porous medium solution and upon dispersion coefficient.No estudo da dinâmica de solutos num meio poroso, é de suma importância o conhecimento das propriedades do meio e dos líquidos percolantes, bem como de fatores externos. Um fator externo relevante é a temperatura e, nesse sentido, teve-se como objetivo determinar os parâmetros de transporte dos íons potássio e nitrato para diferentes valores de temperatura em experimentos de deslocamento miscível. Os parâmetros avaliados foram o fator de retardamento (R, o coeficiente de difusão/dispersão (D e a dispersividade (λ , e as temperaturas utilizadas foram a ambiente (25 a 28 ºC, 40 ºC e 50 ºC. Os sais utilizados foram nitrato de potássio e cloreto de potássio, preparados em solução composta de 50 ppm de nitrato e 2.000 ppm de potássio, sendo o meio poroso um Latossolo Vermelho-Amarelo, textura média. A temperatura apresentou influência positiva na velocidade da solução no meio poroso e no coeficiente de dispersão.

  20. Superação de dormência e influência da temperatura, substrato e fotoperíodo na germinação de sementes de Erythrina crista-galli L. (FABACEAE

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luciano Moura de Mello

    2016-11-01

    Full Text Available Erythrina crista-galli L. (FABACEAE é uma árvore nativa do Brasil, Uruguai, Paraguai, Bolívia e Argentina. As Regras de Análises de Sementes - RAS não possuem orientações para a realização de testes de germinação para a espécie. O objetivo deste trabalho foi testar o desempenho de tratamentos para a superação de dormência das sementes e recomendar condições adequadas de substrato, temperatura e fotoperíodo para a realização de testes de germinação. O tratamento indicado para a superação da dormência foi a escarificação mecânica e a temperatura ótima para os testes de germinação de 30ºC constantes. Não houve diferença entre tratamentos em relação aos substratos testados nem quanto aos fotoperíodos indicando-se assim o substrato entre papel e com 8h de luz por sua praticidade e economia. Superação de dormência e influência da temperatura, substrato e fotoperíodo na germinação de sementes de Erythrina crista-galli L. (FABACEAE

  1. Peroxidase activity in roots of arracacha affected by pH and temperature = Atividade da peroxidase em raízes de batata-baroa afetada pelo pH e temperatura

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luciana Nunes Menolli

    2011-07-01

    Full Text Available In this paper, roots of arracacha (Arracacia xanthorrhyza Bancroft were stored at 5ºC to induce chilling injury symptoms and stress-related peroxidase activity. Later, peroxidase kinetic activity was determined in different pH and temperature conditions. For this, soluble crude extract was sequentially saturated with ammonium sulfate, obtaining a semi-purified enzyme solution used for the analysis. Activity of peroxidase induced by the chilling at 5oC was determined from pH 2.5 to 9.0 and at temperature ranging from 10 to80oC. The peroxidase had higher activity when the reaction occurred between pH 5.5 and 6.0 and at temperature of 30oC. Complete inactivation of the activity was observed in pH 2.5 after 60 minutes of pre-incubation or at 60oC for 10 minutes or alternatively at 70oCafter 5 minutes of pre-incubation. The enzyme is more susceptible to inactivation in acid than alkaline pHs or alternatively using heat treatment.Neste trabalho, raízes de batata-baroa (Arracacia xanthorrhiza Bancroft foram armazenadas a 5oC para induzir injúria por frio e expressar atividade da peroxidase de estresse. Posteriormente, a cinética de atividade foi determinada em diferentes condições depHs e temperatura. Para isto, extrato solúvel da raiz foi sequencialmente saturado com sulfato de amônio, obtendo-se uma preparação semi-purificada para a análise enzimática. Atividade peroxidativa induzida pela temperatura de armazenamento de 5oC foideterminada em pHs de 2,5 a 9,0 e a temperaturas de 10 a 80oC. A atividade da peroxidase foi maior quando a reação foi realizada nos pHs de 5,5 e 6,0 e temperatura de 30oC. A inativação completa da enzima ocorreu em pH de 2,5 após 60 min. de pré-incubação ou a60oC por 10 min., e alternativamente a 70oC após 5 min. de pré-incubação. A enzima foi mais susceptível à inativação em pH ácido do que alcalino, podendo também ser inativada pelo tratamento de calor.

  2. Estimativa do total de horas abaixo de determinada temperatura-base através das medidas diárias da temperatura do ar Number of hours below any base temperature estimated by daily measurements of air temperature

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luiz B. Angelocci

    1979-01-01

    Full Text Available São propostas equações matemáticas para estimar o total diário de horas abaixo de determinada temperatura-base, em certo período, utilizando-se somente dos valores diários das temperaturas máxima, mínima e das 21 horas (hora local. A comparação entre os totais diários e mensais de "horas de frio" estimados pelas equações propostas e os observados através de termogramas, para várias localidades do Estado de São Paulo, mostrou boa concordância entre os métodos de cálculo. O modelo proposto dispensa o uso de registros contínuos de temperatura. As vantagens de tal estimativa residem na maior disponibilidade de registros de temperaturas máximas, mínimas e das 21 horas, permitindo maior densidade de pontos em trabalhos de zoneamento agroclimático e de cartografia, além da eliminação do processo de cotação de termogramas.Mathematical equations are proposed to estimate the daily number of hours in which the air temperature remains below a determined treshold value. The equations require only daily values of maximum, minimum and 9 p.m. local time temperature, measured inside the meteorological shelter. This technique is suitable for machine computation thus avoiding the tremendous task of quantifying a large number of thermograms. This fact permits the utilization of a greater number of stations in studies of crop zonation and cartography. Good correlations were obtained between estimated and observed data of the daily and monthly total number of hours below 7°C, 13°C and 17°C, for five stations in the State of São Paulo, Brazil, showing relative accuracy of the proposed equations.

  3. Avaliação da influência da temperatura sobre o desenvolvimento de Aedes albopictus Evaluation of the temperature influence on the development of Aedes albopictus

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Daniéla Cristina Calado

    2002-04-01

    Full Text Available OBJETIVO: Verificar a influência da temperatura sobre os estágios de desenvolvimento de Aedes albopictus sob condições de laboratório. MÉTODOS: Foi avaliado o período de desenvolvimento dos estágios de ovo, larva e pupa em quatro temperaturas constantes de 15ºC, 20ºC, 25ºC e 30ºC em câmaras climatizadas com umidade relativa do ar oscilando entre 70% e 85% e fotoperíodo de CE 12:12 horas. Pela análise de variância, foram testados os efeitos das quatro temperaturas constantes. RESULTADOS: O período de incubação dos ovos compreendeu 38,38; 19,09; 13,10; e 10,44 dias; o período larval dos indivíduos machos atingiu 30,13; 13,83; 7,36; e 5,57 dias; o período larval para fêmeas apresentou duração de 33,22; 15,00; 8,06; e 6,16 dias; o período pupal em machos compreendeu 8,01; 4,92; 2,40; e 1,76 dias, enquanto nas fêmeas foi de 8,15; 5,11; 2,60; e 1,88 dias sob as temperaturas de 15ºC, 20ºC, 25ºC e 30ºC, respectivamente. Em todos os estágios de desenvolvimento, foram encontradas diferenças significativas, entre as temperaturas avaliadas, em torno de 5% no tempo de desenvolvimento. O período de desenvolvimento foi inversamente relacionado à temperatura, com o período larval mais breve em machos que em fêmeas. Nas temperaturas de 20ºC a 30ºC, o desenvolvimento foi mais breve e com maior viabilidade que a 15ºC. CONCLUSÕES: Nas condições em que foram realizados os experimentos, a temperatura afetou de forma significativa e inversamente proporcional os estágios imaturos de Aedes albopictus. Esses resultados mostram que os estágios imaturos são mais suscetíveis durante os períodos de baixas temperaturas devido ao maior tempo necessário para completar o desenvolvimento, informação que pode ser utilizada em estratégias de controle.OBJECTIVE: To verify the temperature's influence on the Aedes albopictus development stages under laboratory conditions. METHODS: The development period of eggs, larvae and pupas were

  4. Influência da baixa temperatura ambiental sobre a inflamação em rã-touro gigante (Rana catesbeiana: avaliações qualitativa e quantitativa

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    José Luiz Catão-Dias

    1999-01-01

    Full Text Available O presente trabalho teve por objetivo investigar a modulação exercida pela temperatura ambiental sobre a cinética celular inflamatória experimentalmente induzida em Rana catesbeiana, rã-touro gigante. Para tanto, 120 espécimes pós-metamórficos foram mantidos a 6ºC e 24ºC e tratados pela transfixação do tecido muscular da coxa por fio de sutura ou injeção intramuscular de carragenina. Os resultados obtidos através de avaliações qualitativa e quantitativa do foco lesional mostraram que a baixa temperatura ambiental modula significativamente a evolução do processo inflamatório. Animais mantidos a 6ºC, em ambos os modelos, apresentaram números de células inflamatórias significativamente menores que os verificados a 24ºC, independentemente do tempo de avaliação. Por outro lado, algum fator pertencente aos mecanismos de defesa do hospedeiro não deve ter sido bloqueado pela temperatura, visto que a área de reação à injúria mostrou-se equivalente na maioria dos tempos pesquisados.

  5. Modelagem matemática da secagem dos frutos de amendoim em camada delgada

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Willian Dias Araujo

    Full Text Available RESUMO Este trabalho teve por objetivo ajustar modelos matemáticos aos dados experimentais da secagem dos frutos de amendoim em camada delgada, submetidos a diferentes temperaturas do ar de secagem. Foram utilizados frutos de amendoim da cultivar IAC 505. Os frutos de amendoim foram submetidos à secagem em estufa de ventilação forçada com diferentes níveis de temperatura (40; 50; 60 e 70 ºC. Aos dados experimentais foram ajustados dez modelos matemáticos tradicionalmente utilizados para representação da cinética de secagem em camada delgada. Baseado nos resultados encontrados, conclui-se que dentre os modelos ajustados aos dados experimentais, o modelo de Page foi o escolhido para representar o fenômeno de secagem em camada delgada dos frutos de amendoim. O coeficiente de difusão efetivo aumenta com a elevação da temperatura, e a sua relação com a temperatura de secagem pode ser descrita pela equação de Arrhenius. As propriedades termodinâmicas entalpia e entropia tiveram seus valores reduzidos com aumento da temperatura do ar de secagem, enquanto que os valores da energia livre de Gibbs aumentam com o aumento da temperatura.

  6. Time series analysis of water surface temperature and heat flux components in the Itumbiara Reservoir (GO, Brazil Análise da série temporal da temperatura da superfície da água e dos componentes do balanço de calor no Reservatório de Itumbiara (GO, Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Enner Herenio de Alcântara

    2011-09-01

    C, p OBJETIVO: A temperatura da água possui uma importante função ecológica e no controle de processos biogeoquímicos em um corpo d'água. O monitoramento convencional da qualidade da água geralmente é dispendioso e que consome muito tempo. Este é um problema particularmente interessante quando se esta estudando grandes áreas. Entretanto, ferramentas como o sensoriamento remoto pode ser considerado adequado no estudo destas áreas. O objetivo deste estudo foi analisar séries temporais de temperatura da água e dos fluxos de calor para melhorar o entendimento de suas variações temporais em reservatório hidrelétricos. MÉTODO: Neste trabalho, dados do sensor MODIS/Terra de temperatura da superfície da água (TSA nível 2, 1 km de resolução nominal (MOD11L2, versão 5 foram utilizados. Todas as imagens, livres de nuvem, do MODIS/Terra de 2003 a 2008 foram utilizadas, resultando em 786 imagens tomadas durante o dia e 473 durante a noite. As séries temporais de temperatura da superfície da água foram obtidas por meio de médias mensais e janelas de 3×3 pixels em três áreas distintas do reservatório: 1 próximo a barragem, 2 região central do reservatório e 3 na confluência dos rios. Dados meteorológicos foram utilizados para a estimativa do balanço de calor no reservatório para os anos de 2003 a 2008. Uma análise de correlação entre as séries temporais de temperatura da água estimadas durante o dia e noite com os fluxos de calor. Os fluxos mais bem correlacionados foram verificados quanto sua ciclicidade com a variação de temperatura, por meio do uso do algoritmo de wavelet cruzada, coerência e fase. RESULTADOS: A média mensal de TSA diurna mostrou uma maior variabilidade se comparada com a série temporal de TSA noturna. Além disto, apresentam um ciclo sazonal bem marcado, passando por um mínimo durante os meses de Junho e Julho e um máximo nos meses de Dezembro e Janeiro. Para analisar este padrão, uma análise de Fourier e de

  7. Efeito de diferentes temperaturas na germinação de sementes e no crescimento inicial de plântulas de Miconia albicans (Melastomataceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    A.K.M. Oliveira

    2014-01-01

    Full Text Available Miconia albicans (Sw. Triana é uma espécie nativa do Brasil utilizada na medicina tradicional em comunidades rurais. O objetivo deste estudo foi investigar a temperatura mais adequada para a germinação de sementes e formação de plântulas de M. albicans. Para avaliar o efeito da temperatura sobre a germinação da espécie foram utilizadas 1200 sementes postas a germinar sob temperaturas constantes de 20, 25, 30 e 35 ºC e nas temperaturas alternadas de 20-30 e 25-35 ºC. Foram avaliados a percentagem de germinação (PG, o índice de velocidade de germinação (IVG, o tempo médio de germinação (TMG, e o comprimento das raízes primárias e do caule das plântulas. Os resultados encontrados indicaram PG acima de 63% paras as sementes sob temperaturas de 20, 25, 30 e 20-30 ºC. Para o IVG, foram observados valores entre 2,17 a 2,93 para as sementes sob temperaturas de 20, 25, 30 e 20-30 ºC, indicando maior vigor; em relação ao TMG, a maioria dos tratamentos alcançou resultado acima de 15 dias, indicando que as sementes germinaram lentamente. Levando-se em consideração todos os parâmetros avaliados, a temperatura de 25 ºC propiciou o melhor desempenho para as sementes da espécie.

  8. Circadian changes in thyroid hormones of piau, Leporinus obtusidens Valenciennes, 1847 (Osteichthyes, Anostomidae after feeding = Variações circadianas dos hormônios tireoidianos de piau, Leporinus obtusidens Valenciennes, 1847 (Osteichthyes, Anostomidae após alimentação

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Walter Dias Junior

    2009-10-01

    Full Text Available To evaluate circadian changes in thyroid hormones of piau, Leporinusobtusidens Valenciennes, 1847, (Osteichthyes, Anostomidae after feeding were determined the plasma levels of thyroid hormones (TH of 128 fishes, same age, immature, both sexes, distributed into four classes of weight. They were kept in 16 aquaria (100 L, with artificial aeration and 2 L min.-1 water flow, from March to August, 1996, in Aquaculture Station of the Universidade Federal de Lavras (UFLA. Daily, feed was supplied at 5% body weight. For blood samples, the fishes were anesthetized with benzocaine 10%, and plasmatic levels of TH were determined at 1, 4, 7, 10, 13, 16 and 22h after food supply during 4 consecutive days in June and in August, period of lowest temperature. The classes of weight 63, 75, 82and 91 g were considered homogeneous, showing that plasmatic concentrations of T3 and T4 were body weight independent for this fish species. The daily cycle of plasma TH were correlated with feed intake, reaching the highest levels 7 h after feeding supply (T3 = 1.75 ± 0.07 ng mL-1 and T4 = 14.9 ± 1.59 ng mL-1. It was also possible to verify that the daily intake is directly correlated with water temperature which is affected by day-light cycle.Para avaliar as variações circadianas dos hormônios tireoidianos do piau, Leporinus obtusidens Valenciennes, 1847, (Osteichthyes, Anostomidae após alimentação, foram determinados os níveis plasmáticos dos hormônios tireoidianos (HT T3 e T4 de 128 peixes, de mesma idade, imaturos, ambos os sexos, distribuídos em quatro classes de peso e mantidos em 16 aquários (100 L, com aeração artificial e fluxo constante de água de 2 L min.-1, de março a agosto de 1996, na Estação de Aquicultura da Universidade Federal de Lavras (UFLA. Diariamente, a ração foi fornecida a 5% do peso corporal. Nas pesagens e amostragens de sangue, os animais foram anestesiados com benzocaína a 10% e os níveis plasmáticos dos HT foram

  9. Efeito da pré-incubação de Pseudomonas fluorescens em diferentes temperaturas de refrigeração sobre a hidrólise de caseína no leite desnatado pasteurizado microfiltrado

    OpenAIRE

    Netto, Gabriel Gama

    2012-01-01

    Este trabalho objetivou avaliar o efeito da multiplicação de uma estirpe psicrotrófica proteolítica de Pseudomonas fluorescens nas temperaturas de 4, 7 e 10 ºC, estabelecidas pela Instrução Normativa 62 do MAPA, nas características físicoquímicas e proteólise do leite microfiltrado. Amostras leite desnatado e pasteurizado foram inoculadas com a cepa Pseudomonas fluorescens 041 em uma concentração de aproximadamente 104 UFC mL-1 e incubadas nas três temperaturas por 48 h e, posteriormente, ...

  10. Influência da concentração do EDTA, tempo e temperatura de armazenagem sobre parâmetros hematológicos de cães no hemograma automatizado e manual

    OpenAIRE

    Oliveira, Aécio Carlos de

    2009-01-01

    O estudo teve como objetivo identificar os efeitos do tempo, da temperatura de armazenamento e do excesso de anticoagulante sobre parâmetros hematológicos de cães. Foram utilizadas amostras do sangue de dez cães de raças variadas, clinicamente hígidos. As alíquotas foram colhidas com 1,8 mg, 3,6 mg, 7,2 mg e 14,4 mg de ácido etilenodiaminotetraacético (EDTA) por mL de sangue, distribuídas em dois grupos: de 2ºC a 8ºC e temperatura ambiente.Após a coleta, foram avaliadas em quatro tempos: 0, 1...

  11. Análise da hidratação de grãos de alpiste

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Jemima F. Lisbôa

    2015-03-01

    Full Text Available Neste trabalho se objetivou estudar o fenômeno de hidratação em grãos de alpiste (Phalaris canariensis L. em diferentes temperaturas. Foram utilizados grãos secos de alpiste, embebidos em água destilada, nas temperaturas de 10, 25 e 45 °C. O aumento da temperatura resultou em aumento da taxa de absorção de água e o modelo de Peleg se ajustou satisfatoriamente aos dados experimentais. O coeficiente efetivo de difusão aumentou com a variação crescente da temperatura, de 2,396 até 2,428×10-13 m2 s-1. A dependência do coeficiente efetivo de difusão com a temperatura pode ser descrita pela relação de Arrhenius apresentando, para a faixa de temperatura estudada, a magnitude da energia de ativação aparente para o processo de 39,239 ± 4,3463.

  12. Perfil de temperatura dos funis magnetosféricos de estrelas T Tauri com aquecimento alfvênico

    Science.gov (United States)

    Vasconcelos, M. J.

    2003-08-01

    Estrelas T Tauri Clássicas são objetos jovens circundados por discos de gás e poeira e que apresentam uma intensa atividade magnética. Seu espectro mostra linhas de emissão alargadas que são razoavelmente reproduzidas nos modelos de acresção magnetosférica. No entanto, o perfil de temperatura dos funis magnéticos é desconhecido. Aquecimento magnético compressional e difusão ambipolar foram considerados para estas estruturas, porém as temperaturas obtidas não são suficientes para explicar as observações. Neste trabalho, examinamos o aquecimento gerado pelo amortecimento de ondas Alfvén através de quatro mecanismos, os amortecimentos não-linear, turbulento, viscoso-resistivo e colisional como função da freqüência da onda. Inicialmente, a temperatura é ajustada para reproduzir as observações e o grau de turbulência requerido para que o mecanismo seja viável é calculado. Os resultados mostram que este é compatível com os dados observacionais. Apresentam-se, também, resultados preliminares do cálculo auto-consistente do perfil de temperatura dos funis, levando-se em conta fontes de aquecimento Alfvênica e fontes de resfriamento.

  13. EFECTO DE LA TEMPERATURA Y VELOCIDAD DE LA LÍNEA DE COLGADO, EN EL PORCENTAJE DE PLUMA Y DESPIGMENTACIÓN DE AVES BLANCA Y CAMPESINA, DURANTE EL PROCESO DE ESCALDADO EFEITO DA TEMPERATURA E LINHA DE VELOCIDADE DE SUSPENSÃO DO PERCENTUAL DE PENA DE AVES E BRANCAS DESPIGMENTAÇÃO CAMPONESES DURANTE O PROCESSO ESCALDAGEM EFFECT OF TEMPERATURE AND SPEED OF THE HANGING LINE ON THE PERCENTAGE OF FEATHER AND DEPIGMENTATION OF WHITE AND PEN CHICKENS, DURING THE SCALDING PROCESS

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    DEYANIRA MUÑOZ M

    2011-06-01

    Full Text Available En este trabajo se reporta el efecto de la temperatura y velocidad de la línea de colgado, en el porcentaje de pluma y despigmentación de aves blanca y campesina, durante el proceso de escaldado. Los valores de operación de temperatura de escaldado y velocidad encontrados y acordes a los estándares de calidad reglamentados por el INVIMA, fueron para pollo blanco temperatura entre 54 a 58°C y velocidades de 110 a 130 unidades por minuto, mientras en campesino se obtuvieron temperaturas de 51 a 53°C y velocidad de 90 unidades por minuto. En estas condiciones en ambos tipos de pollo se generan menos del 10% de pluma, 1% de grados de sobre-escaldado y porcentajes de despigmentación inferiores al 26%.Este trabalho tem como objetivo estudar o efeito da temperatura e da velocidade da linha de suspensão, na percentagem de penas e despigmentação de aves brancas e camponesas, durante o procedimento de escaldado. Os resultados da temperatura de escaldado e da velocidade obtidos foram consistentes com os padrões de qualidade estabelecidos pelo INVIMA. A temperatura para o frango "branco" foi de 54-58°C e a velocidade de 110 a 130 unidades por minuto, enquanto que a temperatura para o frango "camponês" foi de 51 a 53°C e a velocidade de 90 unidades por minuto. Sob estas condições em ambos tipos de carne de frango são obtidos valores inferiores a 10 de penas, 1% de graus de sobre-escaldado e percentagens de despigmentação menores a 26%.This research aims at analyzing the effect of temperature and speed of the hanging line on the percentage of feather and depigmentation of white and pen chickens during the scalding process. The operation values of scalding temperature of and speed in accordance with the standards of quality stipulated by INVIMA, were 54 to 58°C and 110 to 130 units per minute for white chickens, and 51 to 53°C and 90 units per minute for pen chicken. Under these conditions, less than of 10% of feather, 1% of over scalding

  14. Modelo de simulação da temperatura e umidade relativa do ar no interior de estufa plástica Simulation model of air temperature and relative humidity in to plastic greenhouses

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Edilson Costa

    2004-04-01

    Full Text Available A simulação dos parâmetros climáticos de temperatura e umidade relativa do ar no interior de uma estufa plástica, por meio do balanço de energia, pode propiciar ao produtor uma ferramenta de auxílio na tomada de decisão. Nesse propósito, realizou-se uma simulação das condições no interior de estufa plástica, em função de parâmetros externos e internos a ela. A simulação revelou uma temperatura no interior da estufa plástica de 23,6 ºC, e os sensores revelaram um valor médio de 24,1 ºC para o período de cultivo da alface. Para a umidade relativa no interior da estufa plástica, o valor simulado foi de 61,6%, e o obtido com o auxílio de sensores foi de 66,0%. Os valores simulados apresentaram-se próximos dos valores obtidos pelos sensores, mostrando que o modelo pode ser usado para a estimativa da temperatura e umidade relativa do ar no interior da estufa plástica.Simulation of climatic parameters inside air temperature and relative humidity of plastic greenhouse, trough energy balance, allows to growers a good technical tool on the decision making to improve the performance of inside environments. A simulation of internal conditions based on external and internal parameters was evaluated. The results showed the inside mean temperature of 23.6 ºC in comparison with the experimental value of 24.1 ºC, for the cultivated period. The simulated relative humidity presented a value of 61.6% against 66.0% obtained by the sensors. The simulated values were closed to the values obtained by the sensors, which means that the model can be used to determine the internal conditions of plastic greenhouses.

  15. INFLUÊNCIA DE DISTINTOS SISTEMAS ATMOSFÉRICOS NA TEMPERATURA DE SUPERFÍCIE DO MUNICÍPIO DE VITÓRIA (ES

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Wesley de Souza Campos Correa

    2015-03-01

    Full Text Available O presente estudo teve por objetivo investigar a relação entre as mudanças de temperatura de superfície e usos e coberturas da terra do município de Vitória no estado do Espírito Santo, sob condições atmosféricas distintas, por meio de produtos orbitais, sub-orbitais, técnicas de sensoriamento remoto em ambiente SIG. Com a utilização do sensor infravermelho termal foi possível verificar que à aproximação da frente fria com vento predominante sul foi preponderante para minimização das ilhas de calor, e que durante a atuação da Alta Subtropical do Atlântico Sul (ASAS estes fenômenos são mais intensos, evidenciando que os tipos de tempo são os principais fatores controladores da intensidade desse fenômeno. Os resultados extraídos durante a passagem do satélite evidenciaram áreas no município de Vitória com intensa emitância termal como áreas construídas, pavimentadas, telhados e outras superfícies típicas da paisagem urbana, bem como a distribuição heterogênea dessas respostas, resultando em temperaturas elevadas, sobretudo no dia 30 de julho de 2011. O estudo demostrou também que a utilização dessa técnica pode contribuir na perspectiva do planejamento urbano, na medida em que são definidos padrões na distribuição da temperatura da superfície de acordo com o uso e cobertura da terra.

  16. Deshidratación osmótica de la papaya chilena (Vasconcellea pubescens e influencia de la temperatura y concentración de la solución sobre la cinética de transferencia de materia Desidratação osmótica do mamão chileno (Vasconcellea pubescens e influência da temperatura e concentração da solução sobre a cinética de transferência de matéria

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Antonio Vega-Gálvez

    2007-09-01

    Full Text Available El objetivo de este trabajo fue estudiar la cinética de deshidratación osmótica de la papaya chilena (Vasconcellea pubescens, utilizando dos variables experimentales: la temperatura (30, 40, 50 °C y concentración (40, 50 y 60% de la solución osmótica. Se determinó la variación de masa total, masa de agua y masa de sólidos solubles y se modeló con las ecuaciones difusionales, además en esta investigación se consideró y utilizó una modificación de la ecuación propuesta por Biswal-Bozorgmehr. Estos modelos fueron evaluados por medio del coeficiente de regresión lineal, suma de errores cuadrados, raíz media de los errores cuadrados y Chi-cuadrado. Al comparar los valores experimentales con los calculados, se demostró que el modelo Biswal-Bozorgmehr modificado obtuvo mejor ajuste sobre la variación de masa de agua y sólidos solubles. Mediante la ecuación de Arrhenius se analizó el efecto de la temperatura sobre los parámetros cinéticos (Kw y Kss y difusividad efectiva de agua (Dwe y sólidos solubles (Dsse. De acuerdo al diseño factorial, se observó que la temperatura no influyó sobre la difusividad efectiva de agua y de sólidos, pero sí la concentración de la solución osmótica. La mejor condición de salida de agua y ganancia de sólidos solubles durante la deshidratación osmótica de la papaya chilena fue a 30 °C con una concentración del 60%.O objetivo deste trabalho foi estudar a cinética de desidratação osmótica do mamão chileno (Vasconcellea pubescens utilizando duas variáveis experimentais: temperatura (30, 40 e 50 °C e concentração (40, 50 e 60% da solução osmótica. Para este estudo, determinou-se a variação de massa total, de massa de água, de massa de sólidos solúveis, modeladas com as equações difusionais. Nesta investigação, também se considera e se usa uma modificação da equação proposta por Biswal-Bozorgmehr. Estes modelos foram avaliados através do coeficiente de regress

  17. Crescimento de plantas de cajueiro anão precoce influenciado pela compactação e temperatura do solo

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    P. K. B. Oliveira

    2003-02-01

    Full Text Available Atribui-se ao uso de práticas culturais inadequadas uma das causas da redução drástica dos níveis de produtividade e produção da cultura do caju no nordeste brasileiro. A eliminação periódica da cobertura vegetal e o tráfego de máquinas e implementos condicionam temperaturas e densidade de solo que podem comprometer o crescimento e desenvolvimento das plantas, o que é mais preocupante ainda, considerando a textura arenosa dos solos cultivados e as condições climáticas da região. A partir destas constatações, desenvolveu-se o presente trabalho, com vistas em fornecer indicativos capazes de permitir uma avaliação dos efeitos das condições de solo e clima, objetivando identificar o comportamento de plantas de cajueiro anão precoce, submetidas a diferentes níveis de compactação e temperatura de solo, como meio de testar a hipótese de que níveis crescentes destes fatores podem reduzir seu crescimento. O presente trabalho foi desenvolvido em condições controladas, utilizando colunas de solo em tubos de PVC, nas quais se adicionou o Argissolo Vermelho-Amarelo eutrófico típico. Submeteram-se estas colunas a dois níveis de temperatura do solo, um com as colunas de solo isoladas com folhas de isopor pintadas na cor alumínio (tratamento isolado-TI, e o outro, com colunas não isoladas, mas com os tubos de PVC pintados na cor preta, para maior absorção de luz (tratamento não isolado-TNI. Os níveis de densidade a que foram ajustadas as camadas compactadas da coluna de solo foram 1,2; 1,3; 1,4; 1,5; 1,6 e 1,7 Mg m-3, sendo o restante da coluna a 1,3 Mg m-3. Os tratamentos foram distribuídos em delineamento inteiramente casualizado, com arranjo fatorial 6 x 2 (seis níveis de compactação e dois níveis de temperatura, com três repetições. Após o período de 12 meses de cultivo das plantas, a parte aérea foi colhida, determinando-se matéria seca da parte aérea, altura da planta, diâmetro do caule e número de

  18. Programa computacional para a estimativa da temperatura do ar para a região Nordeste do Brasil A computer program to estimate air temperature for Northeast region of Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Enilson P. Cavalcanti

    2006-03-01

    Full Text Available A meta principal através desta pesquisa foi estabelecer modelo de estimativa de temperatura do ar (Estima_T em função das coordenadas geográficas e das Anomalias de Temperaturas da Superfície do Mar (ATSM. Neste estudo foram utilizadas as séries temporais das médias mensais de temperatura do ar (média diária, mínima e máxima de 69 estações meteorológicas do Nordeste do Brasil (NEB e ATSM do oceano Atlântico Tropical. O modelo Estima_T mostrou-se capaz de reconstruir séries temporais de temperatura do ar com razoável precisão para todo o NEB. Os resultados mostraram correlações estatisticamente significantes ao nível de 1% de probabilidade entre as temperaturas do ar observada e estimada pelo modelo, em toda a região de estudo.The objective of this research was to establish a model to estimate air temperature (Estima_T as a function of geographical coordinates and Sea Surface Temperature Anomalies (SSTA. The mean monthly time series of air temperatures (daily mean, minimum and maximum of 69 weather stations and SSTA of the Tropical Atlantic were analyzed. The model Estima_T showed good agreement between real and estimated air temperature data of Northeast Brazil. The results showed statistically significant correlation at 1% level between observed air temperatures and those estimated by model in the whole area of study.

  19. Estudo do efeito da temperatura sobre o comportamento reológico das polpas de gabiroba e goiaba = Study of temperature effect on rheological behavior of gabiroba and guava pulps

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ricardo Cardoso de Oliveira

    2011-01-01

    Full Text Available Neste trabalho um estudo sobre o comportamento reológico das polpas degabiroba e goiaba foi estudado na faixa de temperatura de 20 – 35ºC. As medidas reológicas foram feitas em rêometro Brookfield equipados com cilindro coaxial. Os reogramas foram ajustados a partir dos dados experimentais para os modelos de Ostwald de Waale, Bingham e Herschell-Buckley pela metodologia Bayesiana. Para ambas as polpas foram verificadas o comportamento pseudoplástico e sendo a pseudoplasticidade maior em baixas temperaturas. Considerando o modelo de Ostwald de Waale, a viscosidade aparente e o índice deconsistência diminuíram com o aumento da temperatura ao passo que índice de comportamento aumentou com o aumento de temperatura.In this work a study on the rheological behavior of the guava and gabiroba pulp were studied in temperature range from 20 – 35ºC. The rheological measurements were made in Brookfield rheometer equipped with coaxial cylinder. The rheograms were adjusted from the experimental data for the models of Ostwald de Waale, Bingham andHerschell-Buckley by Bayesian methodology. For both the pulps the pseudo plastic behavior was found, and pseudo plasticity was bigger at low temperatures. Considering the Ostwald de Waale model, the viscosity and consistency index decreased with the rising of the temperature while index of behavior increased with the rising of the temperature.

  20. Temperatura de incubação e razão sexual em filhotes recém-eclodidos da tartaruga marinha Eretmochelys imbricata (Linnaeus, 1766 no município do Ipojuca, Pernambuco, Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Thyara N. Simões

    2014-01-01

    Full Text Available O desenvolvimento do sexo em tartarugas marinhas é determinado pela temperatura de incubação dos ovos (TSD - Temperature-dependent Sex Determination. Para a espécie Eretmochelys imbricata, pouco se sabe a respeito da proporção sexual das desovas que ocorrem no litoral sul de Pernambuco. Diante disso, o objetivo desse estudo é analisar a relação entre o desenvolvimento sexual e a temperatura de incubação de ninhos de tartarugas-de-pente, depositados na Praia de Merepe, município do Ipojuca, Pernambuco. Os dados de temperatura foram coletados em nove ninhos, durante os meses de janeiro a junho de 2013, com auxílio de registradores de temperatura do tipo Data loggers (Modelo Onset Computer, UA-001-08. As médias registradas para os ninhos amostrados em relação ao período de incubação e temperatura foram de 54 dias e de 31,68ºC. Com base nesses resultados, os ninhos apresentaram uma forte tendência para o desenvolvimento de fêmeas, sendo a razão sexual, estimada por meio de análises histológicas, de 86,53% para fêmeas. Portanto, a Praia de Merepe possui temperaturas que propiciam uma maior diferenciação de neonatos fêmea. Entretanto, estudos mais detalhados devem ser realizados com a intenção de verificar se esses mesmos resultados podem ser obtidos para todo o litoral ipojucano.

  1. AVALIAÇÃO DA TEMPERATURA DE BRILHO NOS CANAIS SENSÍVEIS À SUPERFÍCIE TERRESTRE NO SISTEMA G3DVAR DO CPTEC/INPE: SÉRIE NOAA

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    BRUNNA ROMERO PENNA

    2015-09-01

    Full Text Available As medidas do AMSU-A para os canais que são sensíveis à superfície terrestre sobre os continentes não tem sido amplamente utilizadas para ajustar a previsão numérica de tempo de curto prazo (PNTs, devido à complexidade das características da superfície terrestre. Nesse sentido, o presente artigo utiliza o Sistema de Assimilação de Dados (G3DVAR do Centro de Previsão de Tempo e Estudos Climáticos do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (CPTEC/INPE, que inclui tais medidas de radiâncias feitas pelo sensor que está a bordo dos satélites da série NOAA. A versão operacional do sistema G3DVAR contempla apenas o satélite NOAA-15. Adicionalmente, foram realizados experimentos numéricos que incluíram os satélites NOAA-18 e NOAA-19. É feita uma avaliação sobre a variável temperatura de brilho simulada para os canais sensíveis à superfície terrestre (i, através de uma comparação com observações, e (ii através da avaliação da equação de transferência radiativa, para os três satélites. Os resultados indicaram que o modelo de transferência radiativa em média superestima a temperatura de brilho nos canais sensíveis à superfície terrestre para os três satélites na região da América do Sul para os meses de verão. Além disso, as observações dos satélites incorporadas no sistema tiveram um aceite superior ao do satélite NOAA-15, de maneira que os satélites NOAA-18 e NOAA-19 podem ser incorporados no modo operacional do Sistema G3DVAR.

  2. Tolerancia de temperatura

    OpenAIRE

    Sonnenholzner, Stanislaus

    2002-01-01

    Tolerancia de Temperatura La especie Litopenaeus (Penaeus) vannamei es un camarón tropical cultivado mundialmente en un amplio rango de temperaturas del agua (18º – 33ºC), sin embargo el valor óptimo descrito por varios autores para su cultivo se encuentra entre 28º a 31ºC.

  3. Projecto e realização de sensores de temperatura analógicos e digitais

    OpenAIRE

    Águas, João Nunes

    2009-01-01

    Dissertação apresentada na Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade Nova de Lisboa para obtenção do Grau de Mestre em Engenharia Electrotécnica e Computadores Neste documento, são apresentadas diversas topologias de sensores de temperatura de baixo consumo e custo reduzido realizáveis em tecnologia CMOS. Estes sensores podem ter inúmeras aplicações. A principal é monitorizar a temperatura do sistema em que o próprio sensor se encontra inserido, de forma a evitar que o mesmo funci...

  4. Efeito da temperatura de extrusão na absorção de água, solubilidade e dispersibilidade da farinha pré-cozida de milho-soja (70:30

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fernandes Marilene S.

    2003-01-01

    Full Text Available Com o objetivo de verificar a possibilidade do uso das farinhas pré-cozidas de milho-soja (70:30 por extrusão em produtos alimentícios, foram estudadas suas características tecnológicas. A mistura crua de milho e soja foi extrusada num extrusor Brabender de dupla-rosca com velocidade de alimentação constante de 20,8Kg/h, velocidade da rotação de parafuso de 100rpm e diâmetro de matriz de 5mm. Os perfis da temperatura de barril (TB foram: zona 1,60ºC (constante; zona 2,90ºC (constante; zona 3, 90, 110, 130 ou 150ºC e zona 4 (matriz, 110, 130 ou 150ºC. Os resultados mostraram que, o aumento da TB nas zonas 3 e 4 causou um aumento na absorção de água, nitrogênio solúvel em água, índice de solubilidade de nitrogênio, proteína dispersível em água e índice de dispersibilidade de proteína. Não foi verificada a atividade do inibidor de tripsina nas farinhas extrusadas estudadas. Sugere-se, portanto, o uso destas nos produtos cárneos e de panificação.

  5. Reologia do açúcar líquido invertido: influência da temperatura na viscosidade Rheology of invert liquid sugar: temperature influence on viscosity

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ana Carolina Amaral Gratão

    2004-12-01

    Full Text Available O comportamento reológico do açúcar líquido invertido com inversão de 59,68% e 89,88% foi estudado experimentalmente nas temperaturas de 17°C a 65°C, utilizando um reômetro rotacional de cilindros concêntricos. Os resultados mostraram que o açúcar líquido invertido apresenta comportamento Newtoniano na faixa de temperatura estudada. O efeito da temperatura na viscosidade foi expresso por relações do tipo Arrhenius, cujos coeficientes de correlação foram superiores a 0,99 e as energias de ativação apresentaram valores de 70,5kJ.mol-1 e 86,5kJ.mol-1 para as soluções com inversão de 59,68% e 89,88%, respectivamente.The rheological behavior of invert liquid sucrose with two different percentages of inversion (59.68% and 89.88% was studied from 17°C to 65°C using a concentric cylinders rheometer. The results showed that the invert liquid sugar exhibits Newtonian behavior within the range of temperature tested. The effect of temperature on viscosity of invert sugar was expressed by the Arrhenius relationship and the fitted models presented correlation coefficients (R² greater than 0.99. The activation energies calculated for both samples, 59.68% and 89.88% of inversion, were respectively 70.5kJ.mol-1 and 86.5kJ.mol-1.

  6. Broiler surface temperature distribution of 42 day old chickens Distribuição da temperatura superficial de frangos de corte com 42 dias de idade

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Irenilza de Alencar Nääs

    2010-10-01

    Full Text Available Broiler chickens in Brazil are generally reared from 1 to 42 days when they are exposed to procedures such as fasting, harvesting, crating and transport to slaughter. Maintaining homeostasis is of great importance for broiler survival under harsh environment especially prior to slaughter. Heat loss varies in the distinct parts of the body during the growth period, and it is related to the air temperature of the environment and to the amount of feather covering. This research aimed to study the surface temperature distribution using infrared thermographic image processing to characterize 42 day old broiler chicken surface temperature prior to slaughter. Broilers were reared for 42 days and prior to harvest and transport to slaughter the infrared surface temperature was recorded along the day. Data from the thermograms taken in feather and featherless regions were compared during the 42nd day of growth. High correlation between featherless regions and air temperature was found showing that these areas respond fast to changes in the rearing environment. Two functions were developed for predicting both surface temperature for featherless and feather covered areas of the broiler body parts.No Brasil frangos de corte são normalmente alojados de 1 até 42 dias, quando são expostos a procedimentos como: jejum, apanha, colocação em caixas e transporte até o abate. Manter a homeostase do corpo é de grande importância para a sobrevivência de frangos de corte sob ambiente quente, especialmente na 7ª semana de crescimento. A perda de calor varia nas partes do corpo e está relacionada à temperatura do ar e à cobertura de penas. Avaliou-se a distribuição da temperatura superficial usando o processamento de imagens de câmera termográfica infravermelho, para caracterizar a temperatura superficial de frangos de corte de 42 dias de idade, no período anterior à apanha para o abate. Os frangos foram alojados de 1 a 42 dias e, antes de serem

  7. Low-cost microprocessed instrument for evaluating soil temperature profile Instrumento microprocessado de baixo custo para avaliação da temperatura em perfil de solo

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    PAULO ESTEVÃO CRUVINEL

    2000-11-01

    Full Text Available This paper describes a low-cost microprocessed instrument for in situ evaluating soil temperature profile ranging from -20.0°C to 99.9°C, and recording soil temperature data at eight depths from 2 to 128 cm. Of great importance in agriculture, soil temperature affects plant growth directly, and nutrient uptake as well as indirectly in soil water and gas flow, soil structure and nutrient availability. The developed instrument has potential applications in the soil science, when temperature monitoring is required. Results show that the instrument with its individual sensors guarantees ±0.25°C accuracy and 0.1°C resolution, making possible localized management changes within decision support systems. The instrument, based on complementary metal oxide semiconductor devices as well as thermocouples, operates in either automatic or non-automatic mode.Este artigo descreve um instrumento microprocessado de baixo custo para avaliação in situ da temperatura em perfil de solo na faixa de -20,0°C a 99,9°C com armazenagem de dados de até oito profundidades, de 2 a 128 centímetros. A temperatura do solo é de grande importância para o crescimento de plantas, absorção de nutrientes, fluxo de gases e estrutura. O instrumento desenvolvido encontra várias aplicações na área da ciência do solo, onde o monitoramento de temperatura do solo é requerido. Resultados mostram que a caracterização do instrumento e seus sensores individuais garantem uma acurácia de ±0,25°C e uma resolução de 1,0°C. Também proporciona a produtores ou pesquisadores a oportunidade do manejo localizado para sistemas de tomada de decisão. O instrumento é baseado em dispositivos semicondutores com tecnologia de óxido metálico complementar e termopares. E pode operar tanto no modo manual quanto no modo automático.

  8. Low-temperature sterilization and new technologies Métodos de esterilización por baja temperatura y nuevas tecnologías Métodos de esterilização por baixa-temperatura e novas tecnologias

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Vania Regina Goveia

    2007-06-01

    temperatura são apresentados como alternativa ao óxido de etileno. Este artigo tem como objetivo identificar evidências da atividade antimicrobiana, toxicidade, eventos adversos e aplicabilidade das tecnologias de baixa temperatura. A pesquisa foi realizada mediante consulta nas bases de dados MEDLINE e LILACS até 2005. Foram analisados 10 artigos na íntegra, nesse levantamento, cujo resultado demostrou que: a os estudos sobre a eficácia da esterilização constituem pesquisas básicas e comparativas que demonstram a influência da extensão e diâmetro do lúmen e a presença de cristais de sais, b a seleção do equipamento é fundamental, assim como a garantia da limpeza dos materiais, que interfere na eficácia dos processos e na toxicidade, c a esterilização à baixa temperatura apresenta limitação para esterilizar osso para enxerto e efeitos deletérios sobre as propriedades dos materiais.

  9. INFLUÊNCIA DA VEGETAÇÃO EM VARIÁVEIS CLIMÁTICAS: ESTUDO EM BAIRROS DA CIDADE DE TERESINA, PIAUÍ

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marcos Machado de Albuquerque

    2016-05-01

    Full Text Available O processo de urbanização tem interferido nas condições ambientais, promovendo a substituição de estruturas naturais por equipamentos urbanos. Como consequências impactantes têm surgido diversas formas de poluição, gerando crises ambientais nos mais diferenciados ecossistemas. O conforto térmico está diretamente relacionado às condições ambientais, tais como, a temperatura, a umidade do ar e ação dos ventos, que são modificadas, pela impermeabilização do solo e pela ausência de vegetação. O estudo objetivou determinar a influência das áreas verdes urbanas na temperatura da cidade de Teresina-PI, comparando dados climáticos coletados em locais arborizadas, com dados coletados em regiões da cidade com menor índice de vegetação, destacando a importância dessas áreas para a melhoria da qualidade ambiental do espaço urbano. Desenvolvida em Teresina-PI, a pesquisa enfoca os bairros Jóquei Clube, Pedra Mole e Dirceu Arcoverde. Foram realizadas medições simultâneas de temperatura e umidade relativa do ar nos horários de 9, 15 e 21 h em locais com abundante vegetação e com características áridas, abrangendo os períodos seco e chuvoso, durante sete dias consecutivos. Os resultados demonstraram que o bairro com maiores áreas verde apresentou os menores valores de temperatura. Nos três bairros as temperaturas mais elevadas foram registradas em pontos desprovidos de vegetação, sugerindo a relação entre vegetação e redução da temperatura

  10. Condições de pH e temperatura para máxima atividade da bromelina do abacaxi (Ananas Comosus L. Merril = Temperature and pH conditions for maximum activity of bromelain extracted from pineapple (Ananas Comosus L. Merril

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Moacyr Jorge Elias

    2011-04-01

    Full Text Available A bromelina, enzima presente no abacaxi, hidrolisa ligações peptídicas das proteínas; tem aplicação em diversas áreas envolvendo alimentos e medicina. Visando o aproveitamento da bromelina recuperada, a partir dos resíduos da industrialização do fruto(variedade pérola, foram pesquisadas condições de pH e temperatura para maior atividade, empregando caseína como substrato. O extrato foi obtido pela trituração da casca e do talo interno do fruto. A atividade foi expressa em mmol tirosina L-1 min.-1 pela absorbância a280 nm dos aminoácidos aromáticos gerados na hidrólise da caseína. Os ensaios foram efetuados em duplicata para duas relações enzima/substrato: 1/25 e 1/125 (em massa. Foi estabelecido um planejamento experimental em estrela tendo como ponto central pH em7,0 e temperatura de 35°C. Os resultados foram tratados empregando o aplicativo computacional MINITAB 15 da Minitab Inc. que forneceu as equações do modelo e as superfícies de resposta. As equações foram tratadas matematicamente (cálculo diferencial, fornecendo gráficos da melhor atividade em função da temperatura. Observou-se perda daatividade enzimática com a elevação da temperatura para relação 1/25, atribuída à maior presença de enzima livre em comparação com a relação 1/125.Bromelain, the enzyme found in pineapple, hydrolyzes proteins’ peptide bonds, has several applications in the food industry and in medicine. Temperature and pH conditions for highest activity with casein as substrate were investigated from the bromelain recovered from industrialized pineapple (‘pérola’ variety fruit residues. Extract was obtained by grinding fruit rind and its internal stem. The activity was expressed in mmol tyrosine L-1 min.-1 by absorbance at 280 nm of aromatic amino acids produced in casein hydrolysis. Assays were undertaken in duplicate for two enzyme/substrate with ratios: 1/25 and 1/125 (mass. Eight-pointed experimental design was

  11. Efeito da temperatura e período de molhamento sobre o desenvolvimento de lesões de Colletotrichum musae em banana Effect of temperature and wet period on the development of Colletotrichum musae lesions in banana

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Wagner Rogério Leocádio Soares Pessoa

    2007-06-01

    Full Text Available A banana é a segunda fruta mais consumida no mundo, porém do campo até o mercado consumidor algo em torno de 40 % é perdido devido entre outras causas as doenças pós-colheita e a mais significativa é a antracnose. Diante da necessidade do conhecimento de fatores ambientais que condicionam estas perdas, o trabalho objetivou avaliar métodos de inoculação (com discos de BDA e estruturas do patógeno e suspensão de conídios com e sem ferimento e a influência da temperatura (10,15,20,25 e 30 ºC e do período de molhamento (0, 12, 24 e 36 h sobre o desenvolvimento de Colletotrichum musae em banana. As frutas foram inoculadas com 17 isolados de C. musae onde todos mostraram-se patogênicos quando inoculados com ferimento independentemente do tipo de inóculo utilizado. No experimento envolvendo temperatura e período de molhamento, utilizou-se três isolados de C. musae, MAG2, SFV1 e FSA, que se comportaram como mais agressivo, intermediário e pouco agressivo, respectivamente. As temperaturas em torno de 20, 25 e 30 ºC e os períodos de molhamento testados favoreceram um maior desenvolvimento de lesões, sendo as maiores lesões observadas em temperaturas ao redor de 25 e 30 ºC, com redução à medida que ocorria uma diminuição da temperatura para todos os isolados testados. A temperatura em torno de 15 ºC proporcionou o menor desenvolvimento da doença.,The banana is the second more consumed fruit in the world, but there is a product loss of about 40% from field to consuming market due to several factors including the postharvest diseases, being the anthracnose most significative among them. Considering the necessity of studying the environmental factors that affect this losses, the objective of this work was to evaluate methods of inoculation (PDA discs with pathogen structures and suspension of conidia with and without wound and the influence of temperature (10, 15, 20, 25 and 30ºC and wet period (0, 12, 24 and 36 hours on the

  12. Preparo do solo e emissão de CO2, temperatura e umidade do solo em área canavieira

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Juliano L. Iamaguti

    2015-05-01

    Full Text Available O preparo mecânico do solo é uma das práticas agrícolas que contribuem para o aumento da perda de carbono via emissão de CO2 do solo (FCO2. Com este trabalho objetivou-se investigar o efeito de três sistemas de preparo do solo na FCO2, temperatura e umidade do solo em área de reforma da cultura de cana-de-açúcar. A área experimental foi constituída de três parcelas, cada uma recebendo um dos preparos do solo: preparo convencional (PC, subsolagem convencional (SC e subsolagem localizada (SL. A FCO2, temperatura e a umidade do solo foram avaliadas durante o período total de 17 dias. A FCO2 foi maior no preparo PC (0,75 g CO2 m-2 h-1. A temperatura do solo não diferiu (p > 0,05 entre as subsolagens: SL (26,2 ºC e SC (25,9 ºC. A umidade do solo foi maior na SL (24%, seguida pela SC (21,8% e preparo PC (18,3%. Apenas no preparo PC foi observada correlação significativa (r = –0,71; p < 0,05 entre FCO2 e a temperatura do solo. O preparo PC apresentou emissão total (2.864,3 kg CO2 ha-1, superior às emissões nas subsolagens: SC (1.970,9 kg CO2 ha-1 e SL (1.707,7 kg CO2 ha-1. A conversão do sistema de preparo PC para a SL diminuiu as emissões de CO2 do solo, reduzindo a contribuição da agricultura para o aumento dos gases de efeito estufa na atmosfera.

  13. Crioterapia no pós-parto: tempo de aplicação e mudanças na temperatura perineal

    OpenAIRE

    Francisco,Adriana Amorim; Oliveira,Sonia Maria Junqueira Vasconcellos de; Leventhal,Lucila Coca; Bosco,Caroline de Souza

    2013-01-01

    Estudo descritivo com dados de dois ensaios clínicos realizados em 2008 e 2009 em uma maternidade de uma instituição filantrópica da cidade de São Paulo. Teve como objetivo descrever a temperatura perineal após a aplicação de bolsa de gelo no pós-parto normal. Três grupos com 38 puérperas cada (n=114) receberam aplicação perineal de bolsa de gelo entre 2 e 48h após o parto. Os achados indicaram que com 10 min de crioterapia as médias da temperatura perineal atingiram de 13,3 a 15,3oC, com peq...

  14. Análise da ritmicidade circadiana nas transições do horário de verão

    OpenAIRE

    Guilherme Silva Umemura

    2015-01-01

    O ciclo claro/escuro gerado pela rotação da Terra tem uma duração razoavelmente regular ao longo ano todo, mas a duração do dia e da noite se altera com o passar das estações, sendo que no inverno a fase clara do dia é mais curta e no verão mais longa e a fase da noite vice-versa. Com o objetivo de tirar um maior proveito da luz solar nos dias mais longos, foi criado o horário de verão, caracterizado pela mudança em uma hora do relógio. Apesar de haver uma suposta economia de energia elétrica...

  15. Temperatura no desenvolvimento e na reprodução de cochonilhas criadas sobre abóboras Temperature in the development and reproduction of scales reared on squash

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Lília de Lima Andrade

    2008-12-01

    Full Text Available O desenvolvimento de insetos é dependente da temperatura. Nesta pesquisa, foi verificada a influência da temperatura no desenvolvimento e na reprodução de Chrysomphalus aonidum (L. em câmaras climatizadas com UR do ar 70±10%, fotofase de 12h e temperaturas constantes de 17, 19, 21, 23, 25 e 27 ± 1°C, tendo como substrato abóboras "cabotiá" (Curcubita maxima x Curcubita moschata var. Tetsukabuto. Foi observada a influência da temperatura nos parâmetros biológicos da cochonilha, sendo que temperaturas entre 23 e 27°C foram as mais adequadas ao inseto, propiciando menor duração do período ninfal e maior produção diária de ninfas por fêmea. Temperaturas entre 17 e 19°C provocam maior duração na fase ninfal, maior longevidade das fêmeas e menor produção diária de ninfas por fêmea.The development of the insects is dependent on the temperature. In this research, it was verified the influence of the temperature in the development and reproduction of the Chrysomphalus aonidum under climate controlled conditions (RH 70±10%, photophase of 12h, and seven constant temperatures of 17, 19, 21, 23, 25, and 27 ± 1°C; on "cabotiá" squash (Curcubita maxima x Curcubita moschata var. Tetsukabuto substrate. The temperature had influence in the biological parameters of the scale. The temperatures between 23 and 27°C were the most adequate to the scale, causing smaller duration of the nymphal period, and higher daily production of nymphs per female. At the temperatures between 17 and 19°C, the scale presented higher duration in the nymphal phase, and longevity of the females and smaller daily production of nymphs per female.

  16. Temperaturas cardeais e efeito da luz na germinação de sementes de mutamba Cardinal temperatures and effect of light on Guazuma ulmifolia Lam. seed germination

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    João C. de Araújo Neto

    2002-12-01

    Full Text Available Guazuma ulmifolia Lam., conhecida como mutamba, é uma espécie arbórea característica dos estádios iniciais da sucessão secundária, com ampla ocorrência natural no Brasil. Possui grande potencial para recuperação ambiental de áreas degradadas. Neste trabalho, conduziram-se dois experimentos, nos quais as sementes foram extraídas e escarificadas antes da instalação dos testes de germinação. O primeiro experimento foi desenvolvido com sementes colhidas em outubro de 1995 e teve por objetivo definir as temperaturas cardeais para a germinação das sementes. Foram testadas as temperaturas de 10, 15, 20, 25, 30, 35, 40 e 45 ºC, sob fotoperíodo de oito horas. Os resultados mostraram que a temperatura mínima é próxima de 10 ºC, a máxima se situa entre 35 e 40 ºC e as temperaturas de 25 e 30 ºC encontram-se dentro da faixa ótima. No segundo experimento, visou-se avaliar o requerimento fotoblástico de sementes recém-colhidas (colheita de outubro de 1996 e armazenadas em câmara seca por um ano (colheita de outubro de 1995. Os testes de germinação foram conduzidos a 30 ºC e as sementes recém-colhidas tiveram a germinação promovida pelas luzes branca e vermelha, mas inibida pela luz vermelha-extrema e ausência de luz. As sementes armazenadas, entretanto, revelaram-se insensíveis à luz.Guazuma ulmifolia Lam. (Sterculiaceae is a typical tree species of the initial stages of secondary succession in Brazil, with potential for use in restoring degraded areas. Two experiments were carried out in this work, in which seeds were extracted and scarified before conducting the germination tests. The first experiment was conducted with seeds harvested in October 1995 and aimed to determine the cardinal temperatures for seed germination. Constant temperatures of 10, 15, 20, 25, 30, 35, 40 and 45 ºC were tested under an eight hour photoperiod. The results showed that the minimum temperature is around 10 ºC, the maximum between 35 and

  17. Efeitos da temperatura e da movimentação do ar sobre o isolamento térmico do velo de ovinos em câmara climática Effect of temperature and air velocity on the thermal insulation of the fleece of sheep in climatic chamber

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Alex Sandro Campos Maia

    2009-01-01

    Full Text Available Foram utilizados dez ovinos da raça Corriedale - cinco machos e cinco fêmeas com pesos entre 52,2 e 87,6 kg - com o objetivo de avaliar o efeito da combinação da movimentação do ar (0 e 5,0 m/s com a temperatura do ar (25, 30 e 40ºC sobre a temperatura retal (T R, ºC, da epiderme (T E, ºC, da superfície do velo (T V, ºC e do interior do velo (T I, ºC e a espessura do velo (E V, cm e suas relações com o isolamento térmico do velo. A presença de vento não teve efeito sobre as variáveis estudadas, o que sugere que fluxo de ar (40ºC o fluxo de calor sensível não foi significativa.Ten Corriedale sheep were evaluated, five males and five females with 52.2 to 87.6 kg of body weight, to evaluate the effect of air velocity (0 and 5 m/s and temperature (25, 30 and 40ºC on rectal temperature (T R, ºC, skin temperature (T E, ºC, fleece surface temperature (T V, ºC, temperature inside the fleece (T I, ºC, and fleece thickness (E V, cm and their relationship with fleece thermal insulation. The results showed that air velocity did not affect the studied traits, suggesting that airflow 40°C, the sensible heat flow was not significant.

  18. Influência da temperatura e do teor de humidade do solo na área foliar e acumulação de matéria seca durante o estabelecimento da ervilha, do milho e do girassol Influence of temperature and soil moisture on leaf area and dry matter accumulation during establishment of pea, maize and sunflower

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    J. A. Andrade

    2007-07-01

    Full Text Available O crescimento foliar e a acumulação de matéria seca durante o estabelecimento da ervilha (Pisum sativum L., var. Ballet, do milho (Zea mays L., var. Lorena e do girassol (Helianthus annuus L., var. Flora-sol foram estudados em função da temperatura e do teor de água num solo Pmg(Évora e num Cb (Lisboa, entre Junho de 1995 e Novembro de 1996. Mediu-se a temperatura do solo a 2 e 4 cm de profundidade, a temperatura do ar e a humidade do solo. A área foliar das plântulas foi estimada a partir de medições do comprimento e da largura de cada folha. A acumulação de matéria seca foi avaliada pela pesagem da parte aérea das plântulas após secagem em estufa. Os dados foram analisados com base no conceito de tempo térmico. Para teores de humidade superiores a 50% da capacidade utilizável de cada solo, a área foliar durante o estabelecimento da ervilha e do milho aumentou linearmente com a temperatura acumulada, enquanto que a do girassol aumentou exponencialmente durante o mesmo período. A relação entre a acumulação de matéria seca de qualquer das culturas e a temperatura acumulada foi exponencial. O tipo de solo influenciou significativamente o “início da expansão foliar” da ervilha e do girassol, a “taxa térmica de expansão foliar” do milho e a acumulação de matéria seca da ervilha e do milho. O “início da expansão foliar” da ervilha ocorreu mais cedo no solo Cb enquanto que o do girassol ocorreu mais cedo no solo Pmg. A expansão foliar do milho foi mais rápida no solo Pmg. A acumulação de matéria seca da ervilha foi mais rápida no solo Cb, enquanto que a do girassol foi mais rápida no solo Pmg. Em ambos os solos, baixos teores de humidade afectaram negativamente a expansão da área foliar e a acumulação de matéria seca.Leaf area expansion and accumulation of dry matter during the establishment of pea (Pisum sativum L., var. Ballet, maize (Zea mays L., var. Lorena and sunflower (Helianthus annuus

  19. TEMPERATURA DE SUPERFÍCIE CELSIUS DO SENSOR TIRS/LANDSAT-8: METODOLOGIA E APLICAÇÕES

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    André Luiz Nascentes Coelho

    2013-11-01

    Full Text Available Este trabalho tem como objetivo, contribuir na difusão e operacionalização das geotecnologias, apresentando os algoritmos para obtenção de temperatura da superfície horizontal Celsius na faixa infravermelho termal do sensor TIRS/Landsat-8, banda 10. A aplicação das equações proporcionou não só identificar os maiores percentuais de temperatura de superfície, em diferentes escalas espaciais, como também, definir o perfil do campo térmico em distintas texturas. Além disso, foi possível comparar, em imagens, a melhoria da resolução espacial do canal infravermelho termal Landsat-8 em relação ao Landsat-5. Tal metodologia possibilita a aplicação em outros intervalos de datas e locais distintos, contribuindo nas pesquisas e no auxílio detomadas de decisões.

  20. TEMPERATURA DE SUPERFÍCIE CELSIUS DO SENSOR TIRS/LANDSAT-8: METODOLOGIA E APLICAÇÕES

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    André Luiz Nascentes Coelho

    2015-09-01

    Full Text Available Este trabalho tem como objetivo, contribuir na difusão e operacionalização das geotecnologias, apresentando os algoritmos para obtenção de temperatura da superfície horizontal Celsius na faixa infravermelho termal do sensor TIRS/Landsat-8, banda 10. A aplicação das equações proporcionou não só identificar os maiores percentuais de temperatura de superfície, em diferentes escalas espaciais, como também, definir o perfil do campo térmico em distintas texturas. Além disso, foi possível comparar, em imagens, a melhoria da resolução espacial do canal infravermelho termal Landsat-8 em relação ao Landsat-5. Tal metodologia possibilita a aplicação em outros intervalos de datas e locais distintos, contribuindo nas pesquisas e no auxílio detomadas de decisões.

  1. Atividade proteolítica de bactérias psicrotróficas em leites estocados em diferentes temperaturas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Thiago Braga Izidoro

    2013-08-01

    Full Text Available A difusão do uso da tecnologia do resfriamento, como estratégia para manutenção das características microbiológicas e organolépticas do leite, não associada aos cuidados básicos de higiene na obtenção do produto, fez com que os micro-organismos psicrotróficos emergissem como as principais bactérias deteriorantes da indústria láctea. Este estudo teve por objetivo avaliar como o metabolismo psicrotrófico proteolítico responde a diferentes temperaturas de incubação do leite, delineando um paralelo entre multiplicação de psicrotróficos, quantidade de micro-organismos com capacidade de hidrolisar proteínas e quantidade de GMP (glicomacropeptídeo liberada. As amostras de leite, coletadas diretamente do tanque de resfriamento, foram submetidas à contagem de micro-organismos psicrotróficos, contagem de micro-organismos proteolíticos e determinação da concentração de GMP, em diferentes tempos (12 h; 24 h; 48 h e temperaturas (4°C; 8°C; 12°C de armazenamento. Não houve linearidade entre os parâmetros microbiológicos e o GMP aferido, segundo o binômio tempo/temperatura. A maior concentração de GMP (5,07 µg/mL foi aferida no binômio 8°C/24 h (T8/M24. Esses dados indicam a necessidade de estudos sobre o metabolismo da microbiota psicrotrófica, de forma a elucidar questões básicas e de profunda relevância sobre seu metabolismo.

  2. Propiedades termofísicas del jugo concentrado de lulo a temperaturas por encima del punto de congelación Propriedades termofísicas de suco concentrado de lulo em temperaturas acima do ponto de congelamento

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Glória Ines Giraldo-Gómez

    2010-05-01

    Full Text Available En este trabajo fueron determinados experimentalmente el calor específico, conductividad térmica, difusividad térmica y densidad del jugo de lulo en el rango de contenido de agua de 0.55 a 0.90 (p/p en base húmeda y en temperaturas variando de 4 a 78.6 °C. La conductividad térmica y el calor específico fueron obtenidos utilizando el mismo aparato - una célula constituida de dos cilindros concéntricos - operando en estado estacionario y no- estacionario, respectivamente. La difusividad térmica fue obtenida a través del método de Dickerson y la densidad determinada por picnometria. Tanto la temperatura como el contenido de agua presentaron una fuerte influencia en los datos experimentales de las propiedades termofísicas del jugo de lulo. Los resultados obtenidos fueron utilizados para obtener modelos matemáticos y predecir estas propiedades en función de la concentración y la temperatura.Neste trabalho, foram determinados experimentalmente o calor específico, a condutividade térmica, difusividade térmica e densidade de suco de lulo na faixa de conteúdo de água entre 0,55 e 0,90 (p/p em base úmida e em temperaturas entre 4 e 78,6 °C. A condutividade térmica e o calor específico foram obtidos utilizando-se o mesmo equipamento - uma célula constituída de dois cilindros concêntricos - operando em estado estacionário e não estacionário, respectivamente. A difusividade térmica foi obtida através do método de Dickerson e a densidade determinada por picnometria. Tanto a temperatura como o conteúdo de água apresentaram grande influência nos dados experimentais das propriedades termofísicas do suco de lulo. Os resultados obtidos foram utilizados na obtenção de modelos matemáticos para predizer estas propriedades em função da concentração e temperatura.

  3. Níveis de lisina digestível da ração e temperatura ambiente para frangos de corte em crescimento Dietary digestible lysine levels and environmental temperature for growing broiler chickens

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Jefferson Costa de Siqueira

    2007-12-01

    Full Text Available Este estudo foi conduzido para avaliar os efeitos dos níveis de lisina digestível da ração e da temperatura ambiente sobre o desempenho e as características de carcaça de frangos de corte dos 22 a 42 dias de idade. Foram utilizados 672 frangos Ross®, machos, com peso médio de 726 g, em delineamento inteiramente casualizado segundo arranjo fatorial 4 × 4, com seis repetições de sete aves. Os frangos foram mantidos nas temperaturas de 18,5; 21,1; 24,5 e 27,0ºC e foram alimentados com rações com diferentes níveis de lisina digestível (0,934; 1,009; 1,084 e 1,159%. Não houve interação temperatura ambiente × níveis de lisina da ração para as variáveis estudadas. O consumo de ração (CR e o ganho de peso (GP não foram influenciados pelos níveis de lisina. O consumo de ração reduziu linearmente com a temperatura ambiente e o ganho de peso aumentou até a temperatura estimada de 21,5ºC. A conversão alimentar melhorou até o nível estimado de 1,085% de lisina digestível. Os pesos de carcaça (PC, peito com osso (PPO, coxa (PCX e sobrecoxa (PSCX aumentaram até as temperaturas estimadas de 21,9; 21,0; 22,7 e 23,7ºC, respectivamente. Os rendimentos de carcaça (RC, coxa (RCX e sobrecoxa (RSCX aumentaram, enquanto o peso do peito sem osso (PPSO e os rendimentos de peito com osso (RPO e sem osso (RPSO reduziram linearmente com a temperatura ambiente. O PCX e o RCX aumentaram, mas o RSCX reduziu linearmente com os níveis de lisina da ração. O PC, PPO, PSCX, RC, RPO e o RPSO não foram influenciados pelos níveis de lisina. A temperatura ambiente no intervalo de 18,5 e 27,0ºC não influenciou as exigências de lisina das aves. A condição para melhor conversão alimentar no período de 22 a 42 dias foi obtida com o nível de 1,085% de lisina digestível na ração e com a temperatura ambiente estimada de 23,3ºC.This study was aimed to evaluate the effects of the dietary digestible lysine levels and environmental

  4. Concentração de anticoagulante, tempo e temperatura de armazenagem sobre os parâmetros hematológicos no hemograma automatizado

    OpenAIRE

    Oliveira,Aécio Carlos de; Ribeiro Filho,José Dantas; Guimarães,José Domingos; Silva,André Ricardo e; Dantas,Waleska de Melo Ferreira; Bonfá,Laila de Paula; Farias,Sheila Kreutzfeld de

    2010-01-01

    O estudo teve como objetivo identificar os efeitos do tempo de estocagem, da temperatura de armazenamento e da quantidade de anticoagulante sobre parâmetros hematológicos de cães. Foram utilizadas amostras do sangue de dez cães de raças variadas, clinicamente hígidos. As alíquotas foram colhidas com 1,8mg; 3,6mg; 7,2mg e 14,4mg de ácido etilenodiaminotetracético (EDTA) por mL de sangue, distribuídas em dois grupos: de 2°C a 8°C e temperatura ambiente. Após a coleta, foram avaliadas em...

  5. The influence of low temperatures on the incidence of sugary disease on sorghum Influência de baixas temperaturas na incidência da doença-açucarada em sorgo

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Amauri Bogo

    2006-04-01

    Full Text Available The relationship between pre-flowering climatic conditions and sugary disease incidence was quantified in grain and forage sorghum genotypes at two sowing periods (mid November and mid December. The trials were carried out over the 2001/02 and 2002/03 growing seasons, in Lages, Santa Catarina State. Four commercial male-fertile sorghum hybrids (BR 600-forrage, BR 700-grain, BR 701-forage/silage and BR 800-forage and one male-sterile inbred line (BR 001-A were evaluated. When each genotype reached the flowering stage, 50 panicles were marked and sprayed with a suspension of Claviceps africana (1,000 spores mL-1. Air temperature, humidity and rainfall were recorded through out the growing cycle. Low temperatures three to four weeks prior to flowering, increased susceptibility. At both sowing periods, average night temperatures lower than 15°C during the critical period of pre-flowering turned the fertile hybrids as susceptible as the male-sterile inbred to ergot infection. The tested hybrids differed in their ability to tolerate pre-flowering cold stress. Seed set in uninoculated heads under pollination bags was also reduced, suggesting that increased susceptibility to sugary disease was the result of low temperature induced sterility.A relação entre as condições climáticas no pré-florescimento e a incidência da doença açucarada em sorgo foi quantificada, em duas épocas de semeadura (metade de novembro e metade de dezembro durante os anos agrícolas de 2001/02 e 2002/03. Experimentos foram conduzidos com quatro híbridos férteis (BR 600-forragem, BR 700-grão/silagem, BR 701-forragem/silagem and BR 800-corte/pastejo e uma linhagem macho-estéril (BR 001-A de sorgo granífero e forrageiro. Quando cada genótipo atingiu o florescimento, 50 panículas foram marcadas e aspergidas com uma suspensão de Claviceps africana (1.000 esporos mL-1. A temperatura e umidade relativa do ar e a precipitação foram registradas durante todo o ciclo da

  6. Exigência de Lisina para Pintos de Corte Machos Mantidos em Ambiente com Alta Temperatura

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Borges Aurélio Ferreira

    2002-01-01

    Full Text Available Foram utilizados 400 pintos de corte machos da linhagem Avian Farms, com peso médio de 35 ± 0,15 g, no período de 1 a 21 dias de idade, mantidos em ambiente com alta temperatura ( 29,1 ± 0,39ºC, umidade relativa em 59,7 ± 3,16%, temperatura de globo negro em 28,9 ± 0,42ºC e índice de temperatura de globo e umidade (ITGU em 77,4 ± 0,59. O delineamento utilizado foi o inteiramente casualizado, com cinco tratamentos (1,04; 1,10; 1,16; 1,22; e 1,28% de lisina total na ração, oito repetições e 10 aves por repetição. Avaliou-se o efeito de níveis de lisina total sobre desempenho, consumo de lisina total, deposições de proteína e gordura na carcaça e pesos absoluto e relativo da gordura abdominal e do coração, fígado e intestinos. O fornecimento de ração e água foi à vontade. Os níveis de proteína bruta, minerais e vitaminas atenderam às exigências dos animais. Verificou-se efeito quadrático dos níveis de lisina total da ração sobre o ganho de peso, que aumentou, e a conversão alimentar, que melhorou até os níveis de 1,20 e 1,24%, respectivamente. O consumo de ração não variou, enquanto o consumo de lisina total aumentou em razão dos tratamentos. Não se observou efeito dos níveis de lisina da ração sobre os pesos absoluto e relativo do coração e do intestino e o peso relativo do fígado. No entanto, o peso absoluto do fígado aumentou de forma quadrática até o nível de 1,17% de lisina total da ração. Com relação à taxa de deposição de proteína, constatou-se aumento quadrático até o nível de 1,26% de lisina total, enquanto a taxa de deposição de gordura não variou com o nível de lisina da ração. Concluiu-se que frangos de corte machos no período de 1 a 21 dias de idade, submetidos à alta temperatura (29,1ºC, exigem 1,20% de lisina total, correspondente a 1,02% de lisina digestível.

  7. Efeito de variáveis ambientais, épocas e métodos de plantio na intensidade da seca da haste (Botrytis cinerea em Hibiscus sabdariffa

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Carlos Alberto de Oliveira

    2011-06-01

    Full Text Available O presente estudo objetivou avaliar o efeito da temperatura (15, 20, 25 e 30ºC, do período de molhamento foliar (0, 6, 12 e 24 h, de épocas (setembro, outubro, novembro e dezembro e métodos de plantio (semeadura direta e transplantio de mudas, na intensidade da seca da haste (Botrytis cinerea do hibisco (Hibiscus sabdariffa. As variáveis ambientais foram avaliadas em condições controladas com inoculação artificial e as épocas e métodos de plantio foram avaliados em condições de infecção natural em campo. Os dados de frequência de infecção analisados, como área abaixo da curva de progresso da frequência de infecção (AACPF e comprimento de lesões relacionados às variáveis ambientais, foram submetidos à análise de variância e regressão e, em seguida, plotadas as superfícies de resposta. Os dados de incidência (AACPI relacionados às épocas e métodos de plantio foram submetidos à análise de variância, utilizando-se o programa estatístico Sisvarâ/UFLA. A interação da temperatura e da duração do período de molhamento foliar influenciou a frequência de infecção e o comprimento de lesões da seca da haste. Houve aumento na frequência de infecção e no comprimento de lesões com o incremento do período de molhamento foliar e redução da temperatura. As lesões apresentaram maior tamanho na temperatura de 15ºC e 24 horas de molhamento foliar. Na ausência de molhamento foliar houve manifestação de sintomas somente a 15ºC. A 30ºC houve dependência de maior período de molhamento foliar para a manifestação de sintomas. Houve interação significativa de métodos e épocas de plantio na incidência da doença. Constatou-se menor incidência da seca da haste em transplantio de mudas comparado à semeadura direta em todas as épocas de plantio. Verificou-se aumento da incidência proporcionado pelo atraso na época de plantio nos dois métodos. Registrou-se uma relação direta entre queda de

  8. PARÂMETROS ATMOSFÉRICOS E DA CULTURA UTILIZADOS NO CÁLCULO DO ÍNDICE DE ESTRESSE HÍDRICO DA CULTURA DO ALGODÃO

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Silvia Oliveira Dayube

    2017-02-01

    Full Text Available O monitoramento da planta destaca-se como o método ideal de manejo de irrigação, Alguns modelos de indicadores do estresse das culturas foram desenvolvidos, entre os quais se encontra o Índice de Estresse Hídrico da Cultura (IEHC, ou CWSI – Crop Water Stress Index proposto por Idso et al. (1981, que correlaciona a diferença de temperatura da folha e do ar (Tc-Ta com o déficit de pressão do vapor d’água (DPV. Desta forma, objetivou-se analisar os parâmetros atmosféricos (Ta, e umidade relativa do ar e da cultura (Tc, medidos com um termômetro infravermelho, que são utilizados para calcular o CWSI do algodoeiro irrigado. Plantas em condições normais de transpiração apresentam valores de Ta superiores a Tc. Altas temperaturas associadas a baixa disponibilidade hídrica, resulta em temperatura foliar acima do ideal. O CWSI do algodoeiro foi classificado como favorável na maioria dos dias avaliados. O método pode ser empregado no monitoramento da irrigação.

  9. Tendências na variabilidade climática sazonal e anual das temperaturas máxima e mínima do ar no Estado do Paraná

    OpenAIRE

    Minuzzi,Rosandro Boligon; Caramori,Paulo Henrique; Borrozino,Edmirson

    2011-01-01

    O presente trabalho teve por objetivo analisar a variabilidade sazonal e anual das temperaturas máxima e mínima do ar no Estado do Paraná. A Análise de Regressão e o teste de Kendall foram utilizados para testar a tendência das médias de temperatura máxima e mínima, do número de dias com registros de temperatura inferior a 3 °C, dos eventos extremos e valores absolutos diários da temperatura máxima e mínima nas escalas sazonal (verão, outono, inverno e primavera) e anual. Os pontos de descont...

  10. Projeções de mudanças na precipitação e temperatura no nordeste brasileiro utilizando a técnica de downscaling dinâmico

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Domingo Cassain Sales

    2015-12-01

    Full Text Available RESUMO Este trabalho apresenta análises de projeções de mudanças nos campos de precipitação e temperatura em simulações de downscaling dinâmico no contexto do projeto CORDEX. O domínio da simulação corresponde às Américas Tropicais, mas a região de estudo se restringe a duas sub-regiões do Nordeste Brasileiro: Norte (NNEB e Sul (SNEB. O modelo regional utilizado nas simulações foi o RAMS6.0, forçado por dados do modelo global HadGEM2-ES. Foram analisados os períodos presente e três "fatias de tempo" futuras sob o cenário climático RCP8.5. Para a precipitação e temperatura no clima presente, a simulação foi comparada com os dados do CRU com finalidade de avaliar o desempenho e os erros de viés dos modelos. O RAMS6.0 mostra-se superior ao HadGEM2-ES em aspectos como, a representação da fase do ciclo anual de precipitação e temperatura, redução do viés seco na estação seca sobre o NNEB e distribuição espacial de ambas as variáveis, especialmente temperatura. Entretanto, o RAMS6.0 também exacerba alguns erros do modelo global, como o viés úmido na estação chuvosa. No clima futuro, foram analisadas as mudanças nos valores climatológicos e nos campos anuais das duas variáveis. Alguns padrões projetados pelos dois modelos incluem redução da precipitação no inverno austral e aumento da temperatura no decorrer do século.

  11. Temperature response of photosynthesis and its interaction with light intensity in sweet orange leaf discs under non-photorespiratory condition Resposta da fotossíntese à temperatura e sua interação com a intensidade luminosa em discos foliares de laranjeira doce na ausência de fotorrespiração

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rafael Vasconcelos Ribeiro

    2006-08-01

    Full Text Available This study aimed to evaluate the response of photosynthesis (A, given by photosynthetic O2 evolution, to increasing temperature from 25 to 50ºC in sweet orange (Citrus sinensis (L. Osbeck leaf discs under non-photorespiring conditions. In order to evaluate the response of gross photosynthesis to temperature and the balance between photosynthetic and respiratory activities, respiration (Rd rates were also measured, i.e. the O2 uptake in each temperature. In addition, light response curves of photosynthesis were performed by varying the photosynthetic photon flux density (PPFD from 0 to 1160 µmol m-2 s-1 at 25 and 40ºC. The highest A values were observed at 35 and 40ºC, whereas the highest Rd values were noticed at 50ºC. A higher relationship A/Rd was found at 30 and 35ºC, suggesting an optimum temperature of 35ºC when considering the balance between photosynthesis and respiration under non-photorespiring condition. Overall, heat effects on plant metabolism were more evident when evaluating the relationship A/Rd. In light response curves, higher A values were also found at 40ºC under PPFD higher than 300 µmol m-2 s-1. Light saturation point of photosynthesis was increased at 40ºC, without significant change of quantum efficiency under low PPFD. Respiration was also enhanced at 40ºC, and as a consequence, the light compensation point increased. The better photosynthetic performance at 35-40ºC was supported by higher photochemical efficiency in both light and temperature response curves. The temperature-dependence of photosynthesis was affected by growth temperature, i.e. a high air temperature during plant growth is a probable factor leading to a higher photosynthetic tolerance to heat stress.Este estudo foi conduzido para avaliar a resposta da fotossíntese (A, dada pela evolução fotossintética de O2, ao aumento da temperatura de 25 para 50ºC em discos foliares de laranjeira doce (Citrus sinensis (L. Osbeck sob condição de n

  12. Estimativa de temperaturas basais e exigência térmica em mangueiras no nordeste do estado do Pará

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Juliana Chagas Rodrigues

    2013-03-01

    Full Text Available O objetivo deste trabalho foi estimar as temperaturas basais e a exigência térmica da mangueira, na região nordeste do Estado do Pará. Um experimento foi realizado em um pomar de mangueiras de 25 hectares, durante as safras de 2010/2011 e 2011/2012, sendo acompanhadas diariamente a fenologia e as condições meteorológicas desde a floração até a colheita. As duas safras experimentaram diferentes condições meteorológicas, e, por isso, a duração do ciclo e a exigência térmica diferiram significativamente. As temperaturas basal inferior e superior para a cultura da mangueira foram de 13 °C e 32 °C, respectivamente, a exigência térmica média encontrada para a mangueira atingir o ponto de colheita comercial foi de 1.024,23 °C dia-1 a 1.157,99 °C dia-1 e a duração média do ciclo da mangueira foi de 110 a 112 dias.

  13. El estrés por temperatura provoca necrosis en tabaco negro; cuantificación por análisis de imágenes

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Eduardo Ortega

    2008-07-01

    de imágenes ImageJ. Este programa es capaz de adquirir, mostrar, editar, resaltar y analizar imágenes. Se demostró que las hojas sometidas a 4 ºC, independientemente del tiempo de exposición, presentaron una mayor área necrosada (35% en comparación con el resto de los tratamientos. Las áreas con acumulación de H2O2 in situ fueron mayores en los tratamientos de estrés por temperaturas altas (45 y 60 oC. La detección y cuantificación de la necrosis producida por temperaturas extremas, combinando el método del azul de tripano con el análisis de imágenes, es una herramienta útil para valorar los daños producidos por estrés de temperaturas y pudiera ser utilizado para valorar los daños celulares provocados por otros tipos de estrés.Palabras clave: variedad-Habana-2000; especies reactivas de oxígeno; H2O2;; Habana-2000-variety; reactive oxygen species.

  14. Efeito da composição quimica, origem e grau de maturação sobre cor e acrocanica da banana nanica obtida por secagem HTST.

    OpenAIRE

    Michelle Oliveira

    2007-01-01

    Resumo: A banana crocante, para ser consumida na forma de snacks, pode ser obtida através de secagem com ar a altas temperaturas por um curto período de tempo (HTST - High Temperature Short Time) na fase inicial de secagem, seguida da secagem à temperatura média (50-70°C). O objetivo deste trabalho foi avaliar a influência da composição química da banana nanica (Musa acuminata Colla subgrupo Cavendish), proveniente de duas origens e três graus de maturação sobre as características de crocânci...

  15. Estudo do equilíbrio líquido – líquido em sistemas aquosos bifásicos formados por polietilenoglicol (1500, 3350 e 6000), sais de fosfato e água em diferentes temperaturas

    OpenAIRE

    Silva, Angélica Siqueira da

    2014-01-01

    No presente trabalho, foram estudados os dados de equilíbrio de fases dos sistemas aquosos bifásicos formados por polietilenoglicol (1500, 3350 e 6000) + fosfato monobásico e dibásico de sódio (pH 7) + água. Estudou-se o efeito da variação da temperatura (10, 25 e 40°C) bem como da massa molar sobre os dados de equilíbrio. Para o PEG 3350 observou-se um aumento da área bifásica com diminuição da temperatura, mostrando que a formação do sistema aquoso bifásico é exotérmico. Para o PEG 1500 e 6...

  16. Utilização da nebulização e ventilação forçada sobre o desempenho e a temperatura da pele de suínos na fase de terminação Effect of nebulization and artificial ventilation on the performance and skin temperature of finishing swine

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luiz Euquério de Carvalho

    2004-12-01

    Full Text Available O experimento foi realizado com o objetivo de avaliar os efeitos da nebulização e ventilação forçada sobre o desempenho e a temperatura da pele de suínos na fase de terminação. Utilizaram-se 137 animais (Landrace x Large White x Duroc machos castrados e fêmeas, distribuídos em um delineamento de blocos ao acaso, com dois tratamentos de oito repetições por tratamento, com média de oito animais/baia. Os tratamentos utilizados foram: T1 = sem nebulização de água e ventilação forçada e T2 = com nebulização de água e ventilação forçada. Durante o período experimental, a temperatura média observada foi de 26,32ºC (variando de 23,32 a 30,72ºC e a umidade relativa do ar média, de 64,5%. Os resultados não demonstraram diferenças significativas entre os tratamentos utilizados para as variáveis ganho de peso médio diário, consumo de ração médio diário e conversão alimentar. Entretanto, a nebulização de água associada à ventilação forçada apresentou menores valores de temperatura da pele, indicando melhor conforto aos animais. Não é necessário o uso de nebulização e ventilação forçada em instalações para suínos na fase de terminação, pois, apesar da melhoria no conforto dos animais (temperatura da pele, não trouxe benefício sobre o desempenho dos mesmos.An experiment was carried out to evaluate the effects of nebulization and artificial ventilation on the performance and skin temperature of finishing swine. Castrated males and females (n = 137; Landrace x Large White x Duroc were allotted to two treatments by using a radomized bolck design, with eight replicates: T1 = pens without either nebulization or artificial ventilation; T2 = pens with both nebulization and artificial ventilation. There was an average of eight animals per each pen. During the experimental period, average air temperature was 26.32ºC (from 23.32 to 30.72ºC and humidity, 64.5%. No signifgicant effects of treatments on

  17. Tendências anuais e sazonais nos extremos de temperatura do ar e precipitação em campina grande - pb

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Leydson Galvíncio Dantas

    2015-12-01

    Full Text Available RESUMO Devido à rápida expansão urbana e potencial turístico da região, o objetivo deste estudo foi a obtenção da distribuição temporal dos índices de extremos climáticos dependentes de dados diários de temperatura e precipitação, definido pela OMM, para o período de 1975 a 2011, e utilizando os testes estatísticos não paramétricos obter a magnitude das tendências dos referidos índices para a cidade de Campina Grande - PB. Os resultados mostram que as temperaturas mínimas e máxima diárias têm aumentado gradativamente ao longo das últimas décadas, apresentando tendências sazonais crescentes ao longo dos anos e que as temperaturas mínimas tiveram maior aumento. O número de dias e noites quentes por ano tem aumentado, proporcionando assim uma redução significativa dos dias e noites frias. Foi observado que as temperaturas mínimas e máximas apresentam maiores tendências de aumento nas estações do outono e primavera, respectivamente. Baseado nos índices extremos de precipitação, mesmo sem significância estatística, foi observado que as chuvas intensas tendem a aumentar, ocorrendo em um período menor de tempo.

  18. Forjamento da liga AA 2011 no estado semi-solido : estudo do processo e do produto

    OpenAIRE

    Maximino Manuel Montel Rovira

    2001-01-01

    Resumo: O trabalho apresenta uma análise da aplicação da tecnologia de processamento de materiais no estado semi-sólido, no foIjamento da liga de alumínio AA2011. Inicialmente foi estudada a influência da temperatura de reofundição na qualidade de pastas semi-sólidas obtidas pelo método de fusão parcial controlada de estruturas refinadas (FPCER). Foram sistematizados testes de tratamento térmico a quatro diferentes temperaturas (888,893,898 e 903 K), por tempo de 10 min para globularização da...

  19. Toxicidade da combinação de dióxido de carbono e fosfina sob diferentes temperaturas para Tribolium castaneum Toxicity of the carbon dioxide and phosphine combination to Tribolium castaneum under different temperatures

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Raimundo W. S. Aguiar

    2010-01-01

    Full Text Available O objetivo deste trabalho foi avaliar o efeito da temperatura sobre a toxicidade da combinação de dióxido de carbono e fosfina, para os estágios de desenvolvimento de Tribolium castaneum (Herbst (Coleoptera: Tenebrionidae. A toxicidade da combinação de 5% de dióxido de carbono e 1 g m-3 de fosfina para os estágios de ovo, larvas de 5, 10 e 15 dias, pupa e adulto de T. castaneum, foi estudada nas temperaturas de 25, 30, 35, 40 e 45 °C, por meio de estimativas dos tempos de exposição letais para 50 e 95% dos insetos (TL50 e TL95. Curvas tempo-resposta foram estabelecidas mediante bioensaios com períodos crescentes de exposição à combinação do dióxido de carbono com a fosfina. Observou-se que os TL50 e TL95 reduziram com a elevação da temperatura em todos os estágios de T. castaneum avaliados. O estágio de larva de cinco dias foi a mais susceptível à combinação de dióxido de carbono e fosfina. De acordo com os resultados, a combinação do dióxido de carbono com a fosfina é alternativa potencial para diminuir a quantidade de fosfina aplicada em produtos armazenados, por apresentar alta toxicidade para todos os estágios de T. castaneum sob diferentes temperaturas.The objective of this work was to assess the effect of temperature on the toxicity of the carbon dioxide-phosphine combination for the developmental stages of Tribolium castaneum (Herbst (Coleoptera: Tenebrionidae. The toxicity of combination of 5% carbon dioxide and 1 g m-3 phosphine in the developmental stages of egg, larvae of 5, 10 and 15 days, pupae and adult of T. castaneum was studied under the temperatures of 25, 30, 35, 40 and 45 °C, through the estimation of lethal insect exposure times of 50 and 95% (LT50 and LT95. For that, time-response curves were established through bioassays with increasing periods of exposure to the combination of carbon dioxide and phosphine. A reduction of LT50 and LT95 was observed with temperature increase in all

  20. Eficácia biológica de bifentrina aplicado em milho armazenado sob diferentes temperaturas Biological efficacy of applied bifenthrin in stored corn under different temperatures

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marco A. G. Pimentel

    2005-06-01

    Full Text Available Considerando-se as altas temperaturas nos graneleiros junto à esteira transportadora de grãos objetivou-se, neste trabalho, avaliar a influência da temperatura no momento da pulverização, sobre a eficácia biológica do bifentrina. Para isso, pulverizou-se o inseticida sobre grãos de milho dentro de uma câmara climática nas temperaturas de 25, 30, 35, 40, 45 e 50 ºC, com umidade relativa em torno de 55%. Após a pulverização e a cada 15 dias, até completar 90 dias, foram feitas as análises da eficácia biológica utilizando-se os insetos Sitophilus zeamais Motschulsky (Coleoptera: Curculionidae, Rhyzopertha dominica (Fabricius (Coleoptera: Bostrichidae e Tribolium castaneum (Herbst (Coleoptera: Tenebrionidae. Observou-se tendência decrescente da eficácia biológica do bifentrina com o aumento da temperatura do ar ambiente, no momento da pulverização e com o maior tempo de armazenamento dos grãos de milho, resultando em menor mortalidade dos insetos-praga.Considering the high temperatures in the granary ships alongwith the transporting mat, the objective of this paper was to evaluate the influence of the temperature at the moment of spraying on the biological effectiveness of the bifenthrin. For the purpose the insecticide was sprayed on maize grains inside a climatic chamber maintained at the temperatures of 25, 30, 35, 40, 45 and 50 ºC with relative humidity around 55%. After the spraying and every fifteen days up to 90 days, analyses of the biological effectiveness were made by using insects of the Sitophilus zeamais Motschulsky (Coleoptera: Curculionidae, Rhyzopertha dominica (Fabricius (Coleoptera: Bostrichidae and Tribolium castaneum (Herbst (Coleoptera: Tenebrionidae. A decreasing tendency of the biological effectiveness of the bifenthrin was observed with the increase of the air temperature at the moment of spraying and with the increased time of maize storage, resulting in a smaller mortality of the insect-pest.

  1. DESENVOLVIMENTO E AVALIAÇÃO DE UM ANEMÔMETRO DE FIO QUENTE OPERANDO À TEMPERATURA CONSTANTE

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Carlos Augusto de P. Sampaio

    1998-08-01

    Full Text Available RESUMO Esta pesquisa teve como objetivo desenvolver um anemômetro de fio quente para operar à temperatura constante usando-se, como elemento sensível, filamento de tungstênio de lâmpada incandescente, como braço da ponte de Wheatstone. Um circuito eletrônico foi construído e testado, permitindo controlar a tensão no sensor e restaurar o equilíbrio da ponte de Wheatstone em processos de troca de calor pelo sensor. Os resultados mostraram que a corrente elétrica e a temperatura de operação do sensor, mediante compromisso entre vida útil e sensibilidade, foram de 160mA e 140°C, respectivamente; a calibração com o sensor no circuito ponte de Wheatstone mostrou sensibilidade para medir a velocidade do ar no intervalo de 0,00 e 5,00m.s-1 e que o circuito eletrônico apresentou saturação para velocidades do ar inferiores a 0,50m.s-1.

  2. Impacto da temperatura e fotoperíodo no desenvolvimento ovariano e oviposição de traça-das-crucíferas Impact of temperature and photoperiod on ovarian development and oviposition of the Diamondback Moth

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Allan Crema

    2004-06-01

    Full Text Available A migração é um fenômeno que pode ocorrer em algumas espécies de insetos e ela geralmente começa quando os ovários não estão desenvolvidos, ou o estão parcialmente. Para traça-das-crucíferas, Plutella xylostella (Lepidoptera: Yponomeutidae já foi observado que a densidade larval afetou o grau de desenvolvimento ovariano. Neste trabalho foi determinado o impacto da temperatura e do fotoperíodo no desenvolovimento ovariano e na oviposição do inseto. Larvas de quarto estágio foram criadas individualmente em placas de Petri à temperaturas de 14 e 25ºC e fotofase de 8 e 14 h. As fêmeas recém-emergidas foram mortas em um freezer, dissecadas sob um microscópio e o ovário observado. Para determinar o impacto da temperatura sobre a oviposição do inseto, larvas de quarto estágio foram criadas a temperaturas de 14 e 25ºC e, quando os machos e fêmeas emergiram, casais foram colocados individualmente em placas de Petri. Foi determinado o período de pré-oviposição e o número de ovos depositados no primeiro dia. Os resultados mostraram que o grau de desenvolvimento ovariano não foi afetado pela temperatura e fotoperíodo empregados, indicando que estes fatores não afetaram o potencial migratório da espécie. Fêmeas criadas a 25ºC depositaram seus ovos dois dias após a emergência enquanto que fêmeas criadas a 14ºC o fizeram aos cinco dias, sugerindo que o período de pré-oviposição é aumentado a baixas temperaturas. O impacto destes resultados sobre a migração e dispersão da TDC são discutidos.Migration occurs in some insect species, and in many cases it commences when the ovaries are immature. Environmental conditions can affect the rate of ovarian development and oviposition of insects. In the Diamondback Moth (DBM, Plutella xylostella (Lepidoptera: Yponomeutidae, the larval density affected the rate of ovarian development. In this work we determined the impact of temperatures and photoperiods on DBM ovarian

  3. Teste de condutividade elétrica em sementes de soja armazenadas sob diferentes temperaturas Electrical conductivity test of soybean seeds stored under different temperatures

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Simone Aparecida Fessel

    2010-01-01

    Full Text Available Os resultados do teste de condutividade elétrica podem ser influenciados pela temperatura de armazenamento, particularmente as mais baixas, como em condições de câmara fria (10 ºC. Este trabalho objetivou avaliar o efeito da temperatura e do período de armazenamento na condutividade elétrica e na composição química da solução de embebição de sementes de soja. Para tanto, foram determinados o teor de água, a germinação, o vigor (testes de envelhecimento acelerado, de frio e de condutividade elétrica e a composição química (K+, Ca2+ e Mg2+ da solução de embebição. Foram utilizados dois lotes de sementes, da cultivar FT-20, com níveis distintos de vigor. As avaliações foram realizadas a cada três meses, durante 15 meses. Tanto a temperatura como o período de armazenamento influenciaram o vigor das sementes. A lixiviação dos íons K+, Ca2+ e Mg2+ foi influenciada pelos mesmos fatores. Pelos resultados concluiu-se que o teste de condutividade elétrica não é indicado para avaliar o vigor de sementes de soja armazenadas sob baixa temperatura (10 ºC e o K+ é o íon lixiviado em maior quantidade de semente de soja, independentemente da temperatura de armazenamento.There are some results showing that the electrical conductivity test can be influenced by low temperature of seed storage, such as 10 ºC. This work was carried out in order to study the effect of temperature and period of storage on electrical conductivity and chemical composition of the imbibing solution of soybean seeds. For that, seed water content, germination, vigor (accelerated aging, cold test and electrical conductivity, and chemical composition (K+, Ca2+ and Mg2+ of the imbibing solution were determined. Two soybean seed lots of cultivar FT-20 with high and low vigor were used. The evaluations were performed at every three months intervals, during 15 months. Both temperature and storage period influenced seed vigor, as well as the ions leakage. It

  4. Condições de temperatura, umidade relativa e atmosfera controlada para o armazenamento de cebolas da cultivar 'Crioula' Temperature, relative humidity and controlled atmosphere conditions to storage 'Crioula' onions

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Auri Brackmann

    2010-08-01

    Full Text Available O objetivo deste trabalho foi de avaliar condições de armazenamento para ampliar o período de pós-colheita de cebola da cultivar 'Crioula'. Para tanto, foram executados três experimentos para avaliar o efeito da temperatura, umidade relativa (UR e atmosfera controlada (AC: experimento 1 (diferentes temperaturas: [1] -0,5°C, [2] 0,5°C, [3] 2°C, [4] 4°C, [5] 6°C e [6] 10°C; experimento 2 (níveis de UR: [1] 70%, [2] 80% e [3] 90%; e experimento 3 (condições de AC: [1] 21kPa O2+0,03kPa CO2, [2] 0,5kPa O2+0kPa CO2, [3] 1,0kPa O2+0kPa CO2, [4] 2,0kPa O2+0kPa CO2, [5] 1,0kPa O2+2,0kPa CO2 e [6]1,0kPa O2+4,0kPa CO2. O delineamento experimental utilizado foi o inteiramente casualizado. Após seis meses de armazenamento, foram realizadas as análises no momento da saída dos bulbos das câmaras e após 15 dias de exposição a 20°C. A brotação e a podridão foram inibidas na temperatura de 0,5°C, diferentemente das temperaturas iguais e superiores a 4°C, em que mais de 90% dos bulbos brotaram. As UR de 70 e 80% foram melhores, pois ocorreu menor brotação. O baixo oxigênio controlou a brotação dos bulbos, proporcionando maior número de bulbos comerciáveis após seis meses em AC e também após 15 dias de exposição a 20°C.The aim of this research was to evaluate conditions to maintain postharvest quality of 'Crioula' onions. Three experiments were done, evaluating the effect of temperature, relative humidity (RH and controlled atmosphere (CA: different temperatures: [1] -0.5°C, [2] 0.5°C, [3] 2°C, [4] 4°C, [5] 6°C and [6] 10°C. Levels of RH: [1] 70%, [2] 80% and [3] 90%; and different CA conditions: [1] 21kPa O2+0.03kPa CO2, [2] 0.5kPa O2+0kPa CO2, [3] 1.0kPa O2+0kPa CO2, [4] 2.0kPa O2+0kPa CO2, [5] 1.0kPa O2+2.0kPa CO2 and [6] O2 1.0kPa+4.0kPa CO2. The experimental design was completely randomized. Ripening and quality evaluations were carried out after six months of storage more fifteen days at 20°C. The sprout and rot

  5. Baixa temperatura noturna e deficiência hídrica na fotossíntese de cana‑de‑açúcar

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Daniela Favero São Pedro Machado

    2013-05-01

    Full Text Available O objetivo deste trabalho foi avaliar as respostas fotossintéticas da cana‑de‑açúcar aos efeitos simultâneos e isolados de baixa temperatura noturna (TN e deficiência hídrica (DH. Após 128 dias do plantio, as plantas da cultivar IACSP94-2094 foram submetidas aos tratamentos: controle, sem DH e com TN de 20°C (TN20; com DH e TN de 20°C (DH/TN20; sem DH e com TN de 12°C (TN12; e com DH e TN de 12°C (DH/TN12 por cinco dias. Após o período de tratamento, as plantas foram irrigadas e submetidas à TN de 20°C por mais quatro dias, para recuperação. Houve decréscimos na assimilação de CO2 em todos os tratamentos. A recuperação total da assimilação de CO2 foi observada apenas nas plantas do tratamento TN12. A ocorrência simultânea da baixa temperatura noturna e da deficiência hídrica causou dano acentuado e persistente na condutância estomática, na capacidade máxima da ribulose‑1,5‑bisfosfato carboxilase, no transporte aparente de elétrons, no fator de eficiência e na eficiência operacional do fotossistema II, o que resultou em limitações difusivas, bioquímicas e fotoquímicas da fotossíntese das plantas de cana‑de‑açúcar.

  6. Grau de umidade e temperatura na conservação de sementes de café Moisture content and temperature on the preservation of coffee seeds

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    DANIEL FELIPE DE OLIVEIRA GENTIL

    2001-01-01

    Full Text Available O presente trabalho foi realizado com o objetivo de verificar as influências do grau de umidade e da temperatura de armazenamento na manutenção da qualidade de sementes de Coffea arabica L. Sementes com 51%, 41%, 34%, 23%, 16% e 10% de água, acondicionadas em sacos de polietileno e mantidas sob temperaturas de 30 °C, 20 °C e 10 °C, durante 48 semanas de armazenamento, foram submetidas a avaliações periódicas do grau de umidade, da germinação, do vigor e da sanidade. Foi constatado que as reduções do grau de umidade até 10% e da temperatura até 10 °C são favoráveis à manutenção da qualidade fisiológica das sementes, e que umidade próxima a 23% favorece o estabelecimento de Penicillium sp. e de Aspergillus sp. nas sementes.The aim of this work was to verify the influences of the moisture content and storage temperature in the preservation of Coffea arabica L. seeds. Seeds with 51%, 41%, 34%, 23%, 16% and 10% moisture content were packed in polyethylene bags and stored at temperatures of 30 °C, 20 °C and 10 °C for forty-eight weeks, and submitted to periodic evaluations of moisture content, germination, vigour and sanity. Decreases in moisture content until 10% and temperature until 10 °C were favorable to the maintenance of seed physiological quality. Seed moisture content around 23% favor the establishment of Penicillium sp. and Aspergillus sp.

  7. Precipitação na bacia amazônica e sua associação à variabilidade da temperatura da superfície dos oceanos Pacífico e Atlântico: uma revisão

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Leila Limberger

    2016-12-01

    Full Text Available Estudos sobre variabilidade climática caracterizam-se como de grande importância para os estudos geográficos já que os extremos climáticos afetam diretamente as condições socioambientais. O presente estudo visa apresentar pesquisas já desenvolvidas sobre a variabilidade climática da chuva na bacia amazônica brasileira, dos oceanos adjacentes e sobre a inter-relação entre eles, com o objetivo de apresentar o estado da arte acerca do tema e contribuir para o desenvolvimento de estudos da área na ciência geográfica. O principal fenômeno que afeta a variabilidade da chuva na bacia amazônica é o ENOS, contribuindo para períodos mais secos quando da sua fase quente e períodos mais úmidos quando de sua fase fria. Também o Atlântico desempenha papel importante na variabilidade da precipitação, especialmente por modular o posicionamento da ZCIT e o transporte de umidade para a bacia amazônica. Artigos apresentados destacam também a importância de se compreender a retroalimentação entre os fenômenos que se desenvolvem no Pacífico e Atlântico, demonstrando que se trata de processos altamente acoplados e de grande complexidade, tanto no seu funcionamento quanto nos efeitos que causam na hidrologia da bacia amazônica. Pode-se concluir que as teleconexões entre a temperatura da superfície do mar e a variabilidade das chuvas na bacia amazônica constituem um tema de grande pertinência e que várias lacunas do conhecimento ainda precisam ser preenchidas.

  8. Influência de diferentes superfícies na temperatura e no fluxo de energiaInfluência de diferentes superfícies na temperatura e no fluxo de energia: um ensaio experimental / Influence of different surfaces on the temperature and energy flux: an experimental trial

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Elis Dener Lima Alves

    2012-04-01

    Full Text Available ResumoO meio urbano tem apresentado sérios problemas ambientais os quais prejudicam a qualidade de vida das pessoas. Um dos problemas mais relatados se refere às altas temperaturas registradas nas cidades. Dessa maneira, o objetivo deste trabalho foi analisar a variabilidade da temperatura superficial e o fluxo de energia em diferentes tipos de uso do solo no meio urbano. Para tanto, utilizou-se de um termômetro infravermelho (TD-920 para a medição da temperatura superficial de seis tipos de superfícies. As medições foram realizadas de hora em hora, em um período de 24 horas. Além da temperatura, foram observadas a nebulosidade, os tipos de nuvens e a ausência ou não de precipitação. Os resultados mostraram que as nuvens, a nebulosidade e a precipitação têm influência direta nos padrões da temperatura e do fluxo de energia. Notou-se que as superfícies artificiais (asfalto e concreto apresentaram os maiores valores térmicos e os maiores fluxos de energia, enquanto que superfícies naturais (grama e solo nu apresentaram os menores valores, tendo o asfalto apresentado, em média, 12% a mais de emissão de energia em relação à grama. Portanto, ressalta-se a urgente necessidade de se repensar o uso dos materiais urbanos, para uma melhor qualidade de vida das pessoas.AbstractThe urban environment has presented serious environmental problems which affects the our quality of life. One of the most reported issues refers to the high temperatures recorded in cities. Thus, this study aimed to analyze the variability of surface temperature and the energy flux in different types of land use in urban areas. For this, we used an infrared thermometer (TD-920 in order to measure the surface temperature on six different types of earth surfaces. All the measurements were made every hour over a period of 24 hours. In addition to temperature were observed cloud cover, cloud types, and absence of precipitation. The results showed that the

  9. Exame do líquido cefalorraquidiano: influência da temperatura, tempo e preparo da amostra na estabilidade analítica Cerebrospinal fluid exam: influence of sample preparation, temperature and time on analytical stability

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luciana Ferreira Dimas

    2008-04-01

    Full Text Available O líquido cefalorraquidiano (LCR é um fluido biológico que está em íntima relação com o sistema nervoso central (SNC. Por isso, o exame do LCR constitui um método de grande valia para o diagnóstico e o acompanhamento de diversas afecções neurológicas. Entretanto, existem poucos estudos sobre a estabilidade de seus analitos durante a etapa pré-analítica. OBJETIVO: Identificar dados existentes sobre a influência da temperatura e do tempo de estocagem, dos ciclos de congelamento/descongelamento e pré-tratamentos (centrifugação, desnaturação, adição de soro na estabilidade dos analitos do LCR. MÉTODO: Foi realizada uma revisão sistemática de artigos da literatura, usando palavras-chave da língua inglesa como storage, cerebrospinal fluid, CSF, stability, temperature e period, com base nos serviços de dados de PubMed, Highwire Press, Lilacs e Amazonas Library, os quais permitem a pesquisa bibliográfica de citações e artigos científicos. RESULTADO: A busca encontrou nove artigos, resultado da escassez de trabalhos sobre o assunto. Os analitos do LCR estudados incluíram células (número e morfologia, proteínas totais, glicose, lactato, aminoácidos, creatina, creatinina, biomarcadores e enzimas. As metodologias se basearam em microscopia óptica, ensaio imunossorvente ligado à enzima (ELISA, Imunoblot/SDS-PAGE e fotometria. CONCLUSÃO: A revisão da literatura confirma que a estabilidade da amostra de LCR sofre influência da temperatura, do tempo de estocagem e das condições de preparo pré-analítico. Os achados desta revisão sistemática podem contribuir para a ampliação dos conhecimentos no exame do LCR, assim como o melhor entendimento sobre a estabilidade da amostra.The cerebrospinal fluid (CSF is a biological fluid that is in close relation with the central nervous system (CNS. Therefore, the CSF examination constitutes an invaluable method in the diagnosis and monitoring of countless neurological diseases

  10. Efeito da temperatura e do tempo de armazenamento sobre a contagem de células somáticas no leite Effects of temperature and storage on somatic cell counts in milk

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    G.N. Souza

    2005-12-01

    Full Text Available Avaliou-se o efeito da temperatura e do tempo de armazenamento sobre a contagem de células somáticas(CCS. Amostras de leite de 21 vacas, coletadas e armazenadas às temperaturas de 5, 27, 32 e 36ºC e analisadas no 1º, 3º, 5º e 7º dia após coleta, foram classificadas em três grupos (células/ml: baixa (236.000±164.000, média (624.000±356.000 e alta CCS (1.320.000±945.000. O delineamento experimental foi o de parcelas subdivididas. As médias da CCS foram iguais (P>0,05 para amostras mantidas à temperatura de 5ºC e analisadas entre o primeiro e o sétimo dias após a coleta e para aquelas mantidas às temperaturas 5, 27, 32 e 36ºC e analisadas no primeiro dia. Médias diferentes (PEffects of temperature and storage duration on somatic cell counts (SCC of milk samples were studied in a split plot design with seven replicates. Samples from 21 cows were maintained at 5, 27, 32 or 36ºC (plots and analyzed after 1, 3, 5 and 7 days of storage (split plots. Based upon an initial analysis, samples were classified into three groups: low (236,000±164,000, medium (624,000±356,000 and high (1,320,000±945,000 SCC/ml. No significant differences in SCC (P>0.05 were observed among storage temperatures for milk samples tested after one day of storage. For milk samples stored at 5°C, SCC averages did not significantly change (P>0.05 until the seventh day after collection. On days 5, 5 and 3, respectively, average SCC decreased for milk samples stored at 27, 32 and 36°C. Reductions of 57.6% (from 236,000 to 100,000, 58.5% (from 624,000 to 259,000 and 27.5% (from 1,320,000 to 952,000 from initial numbers of somatic cells were observed for samples classified as low, medium and high, respectively. Milk samples must be kept under refrigeration until analysis, and SCC must be measured within 7 days of sample collection.

  11. El control difuso de temperatura de una incubadora

    OpenAIRE

    Avilés Cortez, Juan Carlos

    2009-01-01

    El objetivo del proyecto es el diseño de un circuito para el monitoreo y control difuso de temperatura de una incubadora, utilizando un microcontrolador, un sensor de temperatura digital y se realiza la administración a través de una PC. Como características principales son la utilización del microcontrolador, el sensor de temperatura digital STH-11 y lo más importante el Control Difuso Mandani de la Temperatura, se utilizó el protocolo de comunicación I2C entre el sensor y el microc...

  12. Variação anual na abertura do dossel, temperatura e umidade do ar no sub-bosque de três ambientes florestais no sul da Bahia, Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marayana Prado Pinheiro

    2013-03-01

    Full Text Available http://dx.doi.org/10.5902/198050988445Visando contribuir para o conhecimento dos fatores físicos que afetam a estrutura da comunidade vegetal em remanescentes de mata atlântica do sul da Bahia foi analisada a variação anual do microclima do sub-bosque num fragmento de floresta de encosta na Reserva Particular do Patrimônio Natural Serra do Teimoso (RST e num sistema agroflorestal rústico utilizado para o cultivo do cacau (Cabruca, localizado nas proximidades da RST. Dados da abertura do dossel (CO, da temperatura do ar (Ta, da umidade relativa do ar (RH e do déficit de pressão de vapor (VPD foram coletados entre abril de 2005 e abril de 2006 na base (RSTB, 340 m e no topo (RSTT, 640 m da RST e na Cabruca (CB, 250 m. Dados de precipitação pluvial, Ta, RH e VPD foram também coletados numa área aberta (OA, 270 m. As maiores precipitações (> 100 mm ocorreram em Novembro de 2005 e Abril de 2006, enquanto outubro de 2005 foi o mês mais seco (< 20 mm. CO variou entre 2,5% na CB (Abril, 2006 e 7,7% na RST (Outubro, 2005. Os baixos valores de pluviosidade registrados em Outubro de 2005 afetaram VPDmax em todos os ambientes. Estes efeitos foram mais pronunciados em OA, seguido de CB, RSTB e RSTT. Os valores de Ta, RH e VPD em CB foram mais próximos aos valores observados em OA do que aos valores observados no interior da floresta.

  13. Temperature variation in pulp chamber during dental bleaching in presence or absence of light activation = Variação da temperatura na câmara pulpar durante o clareamento dental na presença ou ausência de fotoativação

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Mollica, Fernanda Brandão

    2010-01-01

    Full Text Available Objetivo: Além da agressão química devido à penetração dos géis clareadores na polpa durante o clareamento de dentes com vitalidade pulpar, outro possível fator agressor pode ser o calor gerado pela reação de oxidação exotérmica do gel clareador, que pode também ser agravada pela fotoativação. Este estudo avaliou a variação da temperatura na câmara pulpar de dentes humanos, utilizando-se três diferentes géis clareadores, com ou sem fotoativação. Metodologia: Trinta pré-molares humanos foram cortados longitudinalmente para obtenção de duas metades: vestibular e lingual. Os 60 espécimes foram divididos em 3 grupos e os agentes clareadores utilizados variaram como segue: peróxido de hidrogênio 35% (WHP, peróxido de carbamida 37% (W e peróxido de hidrogênio 38% (OX. Metade dos espécimes foi submetida ao clareamento com fotoativação e, a outra metade, sem fotoativação. A fonte de luz utilizada foi o aparelho à base de diodo emissor de luz (LED, 3-Light, Clean Line e as temperaturas foram medidas por um termômetro digital. Os dados foram analisados por análise de variância e teste de Tukey (alfa=5%. Resultados: Os resultados de temperatura foram: sem fotoativação (WHP= 0. 68b; W= 0. 40b; OX= 0. 48b; com fotoativação (WHP= 2. 35a; W= 1. 60a; OX= 1. 80a. Conclusão: A fotoativação dos géis clareadores com LED contribuiu para um maior aumento de temperatura na câmara pulpar, mas não se atingiu a temperatura crítica de 5,5oC

  14. Respostas fisiológicas de caprinos nativos mantidos em temperatura termoneutra e em estresse térmico Physiological responses of native goats maintained in thermoneutral temperature and thermal stress

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luiz F. de A. Lucena

    2013-06-01

    Full Text Available Objetivou-se, com este trabalho, analisar as respostas fisiológicas de duas raças de caprinos nativos do semiárido brasileiro submetidos a ambiente com temperatura e umidade relativa controladas; utilizaram-se 12 animais machos, 6 Canindés e 6 Moxotós, com pesos médios iniciais de 19,6 ± 1,9 kg e 20,4 ± 1,6 kg, distribuídos em delineamento inteiramente casualizado em esquema fatorial (2 x 4, duas raças e quatro níveis de temperatura (20,6, 24,8, 27,8 e 31,6°C, com 6 repetições, e umidade relativa média do ar de 60 ± 5% e velocidade do vento de 0,5m s-1. Na temperatura entre 20,6 e 27,8°C a média da frequência respiratória (25,7 mov min-1 e frequência cardíaca (76,7 mov min-1 dos animais ficaram dentro da normalidade, sendo que a 31,6°C ocorreu elevação da frequência respiratória (134,5 mov min-1 e da frequência cardíaca (104,3 mov min-1. A temperatura retal foi semelhante em todas as temperaturas com média de 39,5°C, dentro da faixa de normalidade para a espécie. A temperatura superficial elevou-se com o aumento da temperatura ambiente. A faixa de temperatura de 20,6 a 27,8 °C pode ser considerada a zona de conforto térmico para caprinos nativos Moxotó e Canindé.The objective of this study was to determine the physiological response of two caprine races from the Brazilian semiarid, submitted to a controlled thermal conditions in a climatic chamber. Twelve male animals were used, 6 Canindés e 6 Moxotós, with mean weight of 19,6 ± 1,9 kg and 20,4 ± 1,6 kg distributed in a completely randomized design, in factorial scheme (2 x 4, two races and four temperature levels (20.6, 24.8, 27.8 and 31,6°C, with six repetitions, with mean relative air humidity of 60 ± 5% and wind speed of 0.5 m s-1. In the temperature between 20.6 and 27.8°C the mean respiratory frequency (25.7 mov min-1 and cardiac frequency (76.7 mov min-1 of the animals were within normality, however, at 31.6°C, occurred elevation to 134.5 and

  15. Tendências de temperaturas mínimas e máximas do ar no Estado de Minas Gerais

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Léo Fernandes Ávila

    2014-04-01

    Full Text Available O objetivo deste trabalho foi avaliar tendências das temperaturas mínimas e máximas no Estado de Minas Gerais. Foram avaliados dados de 43 municípios, tendo-se considerado as escalas anual e sazonal - janeiro, abril, julho e outubro, que representam os meses centrais de verão, outono, inverno e primavera, respectivamente. Séries históricas de temperaturas mínimas e máximas do ar diárias, com extensão mínima de 30 anos, foram analisadas com base no teste de Mann-Kendall e no uso de regressão linear simples. As tendências foram consideradas significativas somente quando ambas as avaliações foram significativas; neste caso, determinaram-se as taxas de alteração das temperaturas. Houve boa concordância entre os testes de significância para a detecção de tendências nas séries históricas, na maioria dos municípios. Observou-se tendência de elevação das temperaturas mínimas em julho de até 1,5ºC por década, com tendências generalizadas de aumento na maior parte do estado, em outubro e janeiro, e também na escala anual. Exceções foram verificadas especialmente em municípios de maiores altitudes, em que as temperaturas mínimas diminuíram no inverno. Há predominância de municípios com tendência significativa de aumento de temperaturas, independentemente da escala de avaliação. Tendências de aumento nas temperaturas são esperadas mais comumente no sentido sul-norte do Estado de Minas Gerais.

  16. Influência da temperatura do ar de secagem e da concentração de agente carreador sobre as propriedades físico-químicas do suco de açaí em pó Influence of drying air temperature and carrier agent concentration on the physicochemical properties of açai juice powder

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Renata Valeriano Tonon

    2009-06-01

    Full Text Available A influência da temperatura do ar de secagem e da concentração de agente carreador sobre as propriedades físico-químicas do suco de açaí em pó produzido por spray drying foi avaliada. O processo foi realizado em um mini spray dryer de bancada e maltodextrina 10DE foi utilizada como agente carreador. A temperatura do ar de secagem variou de 138 a 202 °C e a concentração de maltodextrina variou de 10 a 30%. As características analisadas foram: umidade, higroscopicidade, retenção de antocianinas, cor, distribuição do tamanho de partículas e morfologia. O aumento da temperatura resultou em partículas maiores, menos úmidas, mais higroscópicas e com menor retenção de antocianinas, além de provocar uma diminuição do parâmetro de cor L* e do ângulo de tom H*. O aumento na concentração de maltodextrina resultou em partículas maiores e menos higroscópicas, com maior luminosidade (L*, menores valores de C* e maiores valores de H*. Em relação à morfologia, o aumento da temperatura levou à formação de uma maior quantidade de partículas com superfície lisa, fato atribuído à maior transferência de calor e, consequentemente, à formação mais rápida de uma membrana ao redor da gota atomizada.The objective of this work was to study the influence of inlet air temperature and maltodextrin concentration on the physicochemical properties of açai juice powder produced by spray drying. The process was carried out in a mini spray dryer and the maltodextrin 10DE was used as carrier agent. Inlet air temperature varied from 138 to 202 °C and maltodextrin concentration varied from 10 to 30%. The characteristics analyzed were: moisture content, hygroscopicity, anthocyanin retention, color, particle size distribution, and morphology. The increase in the temperature resulted in particles with larger size, less moisture content, more hygroscopy and with lower anthocyanin retention, besides promoting a reduction in the color

  17. Armazenamento de sementes de camu-camu (Myrciaria dubia com diferentes graus de umidade e temperaturas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ferreira Sidney Alberto do Nascimento

    2003-01-01

    Full Text Available O objetivo do presente trabalho foi avaliar a qualidade fisiológica das sementes de camu-camu (Myrciaria dubia (H.B.K. McVaugh, com diferentes graus de umidade (46 e 40%, submetidas a diferentes condições (temperatura ambiente - média de 26,5°C, câmara a 20°C e câmara a 10°C e períodos de armazenamento (30, 60, 90, 120 e 150 dias. Após cada período, foram retiradas amostras dos tratamentos para as avaliações do grau de umidade e da qualidade fisiológica das sementes. A redução do grau de umidade afetou negativamente a viabilidade e o vigor das sementes, e a temperatura de 10°C não foi favorável ao armazenamento das sementes. Assim, as sementes de camu-camu devem ser armazenadas com grau de umidade elevado (próximo a 46% e, preferencialmente, sob temperatura de 20°C, para manter a viabilidade e o vigor por maior período de tempo.

  18. Conservação de grãos de pólen de mamoneira a baixas temperaturas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cristina Copstein Cuchiara

    2012-02-01

    Full Text Available A finalidade do armazenamento do grão de pólen é conservar material para futura utilização, proporcionando-lhe condições ótimas, de forma a manter seu poder germinativo, vigor e integridade genética originais. O objetivo deste trabalho foi verificar o poder germinativo dos grãos de pólen de mamoneira (Ricinus communis L., após armazenamento a baixas temperaturas. Para tanto, grãos de pólen dos cultivares IAC 80 e AL Guarany 2002 foram utilizados e armazenados em quatro temperaturas: -196, -72, -18 e 4 ºC, durante um período de oito semanas. A avaliação da viabilidade deste pólen foi realizada semanalmente, até completar cinco semanas, sendo realizada uma última avaliação após a oitava semana de armazenamento, por meio do teste de germinação in vitro. Meio de cultura, contendo 10 gL-1 de ágar, 100 gL-1 de sacarose, 0,004 gL-1 de ácido bórico e pH 6,0, foi preparado e depositado em placas de lâmina escavada, onde o pólen foi distribuído sobre a superfície do meio. As placas foram incubadas a 20 ºC em BOD. O delineamento experimental foi inteiramente casualizado, em arranjo fatorial 2 x 4 (2 cultivares x 4 temperaturas para cada tempo de armazenamento, sendo analisados 100 grãos de pólen por repetição, totalizando seis de cada tratamento. Verificou-se diferença significativa entre os tratamentos para a interação cultivar x temperatura na quinta semana de observação (p < 0,05. Demais interações foram altamente significativas em todas as épocas de observação (p < 0,01. Portanto, a utilização de ultrabaixas temperaturas permite a manutenção da viabilidade de grãos de pólen de mamoneira, até a quinta semana de armazenamento.

  19. Emergência de plântulas de Astrocaryum aculeatum G. May. em função da temperatura e do período de embebição das sementes Emergence of Astrocaryum aculeatum seedlings according temperature and soaking period of seeds

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Patrícia Nazáro

    2010-03-01

    Full Text Available O presente trabalho teve por objetivo avaliar a emergência de plântulas de Astrocaryum aculeatum a partir de sementes submetidas a diferentes temperaturas e períodos de embebição. O delineamento experimental foi inteiramente casualizado, em esquema fatorial 4 (temperaturas de embebição em água: 25ºC, 30ºC, 35ºC e 40ºC X 3 (períodos de embebição: 2, 4 e 6 dias, com testemunha (sem embebição e com quatro repetições. As semeaduras foram realizadas em viveiro. A emergência e o índice de velocidade de emergência só diferiram entre a testemunha e os tratamentos aplicados, independentes do período e da temperatura, com resultados favoráveis para a embebição das sementes. O tempo médio de emergência apresentou efeito de interação significativo, destacando-se a utilização da temperatura de embebição de 40ºC, associada ao período de 4 dias, que proporcionou um menor tempo médio (163 dias. O tempo inicial de emergência foi menor na temperatura de 35ºC (80 dias, enquanto o tempo final de emergência não apresentou diferença entre as médias. Sementes embebidas por 2 dias apresentaram 50% de sementes mortas ao final do experimento, enquanto as embebidas por 4 dias, apenas 38%. A emergência de plântulas de A. aculeatum foi favorecida pela embebição, independente da temperatura e do período utilizados.This study evaluated the seedling emergence of Astrocaryum aculetum seeds soaked in water for different periods at different temperatures. The experimental design was entirely randomized, in factorial 4 (temperatures of soaking in water: 25ºC, 30ºC, 35ºC e 40ºC X 3 (period of soaking: 2, 4 and 6 days, additional treatment (control, without soaking, with four replications. Before (control and after the soaking periods in different temperatures, the seeds were planted in nursery. The emergence and its velocity differed only in the comparison of the control with the applied treatments, with favorable results of all

  20. Hidrogenólise Catalítica da Glicerina para produção de Glicóis (1,2 – Propanodiol e Etilenoglicol)

    OpenAIRE

    SANTOS, Bruno Ferreira dos

    2013-01-01

    A hidrogenólise do glicerol para 1,2 – propanodiol foi investigada sobre dois diferentes tipos de metais o níquel e rutênio suportado em dióxido de titânio. Usando estes dois metais foram sintetizados três tipos de catalisadores 2%Ru/TiO2, 5%Ni/TiO2 e 5%Ni-1%Ru/TiO2. Para o catalisador 2% Ru/TiO2 fez-se um estudo da influência da temperatura, onde houve um aumento da conversão e do rendimento em 1,2 – propanodiol com o aumento da temperatura; para a temperatura de 240°C obteve-se o melhor val...

  1. Influência da temperatura de armazenamento na qualidade pós-colheita de goiabas serranas Influence of storage temperature on postharvest quality of feijoas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Aline Cristina Velho

    2011-03-01

    Full Text Available O presente estudo teve por objetivo avaliar o potencial de armazenagem de goiabas serranas em temperaturas de 23 ºC e 4 ºC. Os frutos foram colhidos em pomar comercial, localizado no município de São Joaquim-SC, e armazenados nas temperaturas de 23 ± 1 ºC (75±5% UR, durante quinze dias e 4 ± 1 ºC (90±5% UR, durante quatro semanas. Durante o armazenamento, foram feitas avaliações de respiração, produção de etileno, teor de sólidos solúveis (SS, acidez titulável (AT, cor da epiderme (ângulo hue; hº e ocorrência de escurecimento da polpa, manchas escuras na epiderme e podridões. Durante o armazenamento a 23 ºC, os frutos exibiram um padrão climatérico, com pico respiratório entre o 4º e o 5º dia. Nos frutos armazenados a 4 ºC, houve redução na respiração e na produção de etileno. Em frutos a 23 ºC, foi mais acentuada a redução nos valores de SS, AT e h° da epiderme, e aumento na incidência de manchas escuras na epiderme e de podridões, em relação aos frutos armazenados a 4 ºC. O armazenamento a 4 ºC mostrou-se eficiente na redução do metabolismo respiratório e de produção de etileno, na preservação dos atributos de qualidade (SS, AT e hº da epiderme e na diminuição da severidade das manchas na epiderme e podridões sem, contudo, evitar o desenvolvimento de escurecimento da polpa. O potencial de armazenagem de goiabas serranas a 23 ºC é inferior a uma semana e limitado principalmente pelo desenvolvimento de distúrbios de escurecimento da polpa, manchas na epiderme, bem como podridões.This study was carried out to evaluate the storage potential of feijoas at temperatures of 23 ºC and 4 ºC. Fruit were harvested in a commercial orchard in São Joaquim, SC, and stored at 23 ± 1 ºC (75±5% RH, for 15 days and 4 ± 1 ºC (90±5% RH, for 4 weeks. Fruit were assessed during storage in terms of respiration and ethylene production rates, soluble solids content (SSC, titratable acidity (TA, skin

  2. Avaliação da transmissão de dados de temperatura no sistema 1-wireTM Evaluation of the temperature data transmission in the 1-wireTM system

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Antonio J. Steidle Neto

    2005-04-01

    Full Text Available A necessidade de sistemas de monitoramento automático versáteis e de baixo custo que possam auxiliar o produtor agrícola na otimização dos processos produtivos, é evidente. Este trabalho foi realizado com o objetivo de pesquisar as limitações e as potencialidades de aplicação do sistema 1-wireTM na transmissão de dados de temperatura em instalações agrícolas. O sistema 1-wireTM é uma rede de transmissão de dados que possibilita a comunicação digital entre um computador e dispositivos da série 1-wireTM, tais como os sensores de temperatura DS1820. A transmissão de dados de temperatura nesse sistema foi avaliada em função do tipo dos condutores e do número de sensores DS1820. Com base nos resultados, concluiu-se que o aumento do número de sensores de temperatura DS1820 no sistema 1-wireTM incrementa a carga capacitiva de maneira distinta para cada um dos tipos de condutores estudados, podendo causar interrupções na transmissão de dados.The need of versatile and low cost automatic monitoring systems for the optimization of the agricultural productive processes is evident. This work was carried out to evaluate the limitations and potentialities of the 1-wireTM system for temperature data transmission in agricultural buildings. The 1-wireTM system is a data transmission network, which makes possible the digital communication between a computer and devices of the 1-wireTM series, such as the temperature DS1820 sensors. The temperature data transmission in this system was evaluated as a function of types of conductors and the number of DS1820 sensors. Based on the results, it was concluded that, by increasing the number of the DS1820 temperature sensors in the 1-wireTM system, the capacitive load increases in a different way for each conductor and can cause interruptions during temperature data transmission.

  3. Aspectos térmico-biológicos da germinação de sementes de cornichão anual sob diferentes temperaturas Thermal-biological aspects on seed germination of hairy bird's-foot trefoil under different temperatures

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rodrigo Ramos Lopes

    2011-10-01

    Full Text Available O objetivo neste trabalho foi determinar as temperaturas mínima, ótima e máxima para a germinação de sementes de Lotus subbiflorus Lag. utilizando-se como parâmetros a porcentagem, a velocidade, a frequência, a entropia informacional de germinação e a entalpia líquida de ativação. O experimento foi realizado em dois lotes com quatro subamostras, cada uma de 100 sementes, e os dados obtidos foram submetidos à análise de variância e ao teste de Tukey. Foram utilizadas oito temperaturas constantes (0, 5, 10, 15, 20, 25, 30 e 35 ºC com a presença de fotoperíodo. Esta espécie germina numa faixa de temperatura com valores mínimos entre 0 e 5ºC, ótimos entre 15 e 20 ºC e máximos entre 30 e 35 ºC. A velocidade de germinação apresentou-se linearmente dependente da temperatura. Os maiores valores de velocidade de germinação, que ocorreram entre 15 ºC e 20 ºC abaixo e acima desta faixa decresceram significativamente. Os menores valores de entropia informacional ocorreram entre 15 e 20 ºC, mostrando maior sincronização do processo germinvatio nessas temperaturas. O ponto mínimo da entalpia foi atingido a 278 K e o máximo, a 303 K e 290,5 K, ponto no qual a curva cruzou o eixo da abscissaThe objective of this research was to determine the minimal, optimal and maximal temperatures for seed germination of Lotus subbiflorus Lag., using germination percentage, speed, frequency, informational entropy and enthalpy of activation of germination. The experiment was carried out in two lots with four replicates of 100 seeds each. The data were submitted to variance analysis and means were compared by Tukey's test. Eight constant temperatures (0, 5, 10, 15, 20, 25, 30 and 35 ºC and light exposition (darkness and 8 h of light plus 16 h of darkness were used. This species of seed germinates in a temperature range of minimal values between 0 and 5 ºC, optimal values between 15 and 20 ºC and maximal values between 30 and 35 º

  4. Efeito da temperatura no armazenamento de uvas apirênicas minimamente processadas Effect of stored temperature in minimally processed seedless table grapes

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ben-Hur Mattiuz

    2009-03-01

    Full Text Available O trabalho teve como objetivo avaliar a qualidade pós-colheita de três cultivares de uvas de mesa sem semente submetidas ao processamento mínimo e armazenadas sob refrigeração e à temperatura ambiente. Para tanto, foram utilizadas uvas das cultivares BRS Clara, BRS Linda e BRS Morena, produzidas na Embrapa Uva e Vinho/Estação Experimental de Viticultura Tropical, em Jales-SP. Os cachos, depois de higienizados e imersos em água clorada a 200 mg de cloro.L-1 por 5 minutos, foram mantidos em câmara fria, a 12ºC, por 12 h. As bagas foram degranadas e lavadas em solução de álcool a 70%, por 5 segundos. Depois de escorrido o excesso da solução alcoólica, as bagas foram acondicionadas em bandejas de tereftalato de polietileno (PET transparente com tampa e com capacidade para 500 mL. Cada unidade, contendo 200 g de bagas, foi armazenada a 12±1,8ºC e 24±0,8ºC, por 12 dias. Avaliaram-se, a cada três dias, a perda de massa fresca, a aparência, a coloração e os teores de sólidos solúveis (SS e de acidez titulável (AT. A temperatura de 12ºC manteve a turgidez, a coloração, as qualidades organoléptica (relação SS/AT e comercial das bagas das três cultivares testadas, por nove dias, enquanto no armazenamento à temperatura ambiente (24ºC, ocorre perda da qualidade comercial das bagas aos três dias para as cvs. BRS Clara e BRS Linda, e aos seis dias para a cv. BRS Morena.The objective of this research was to evaluate the postharvest quality of three apirenic (seedless table grapes cultivars submitted to minimally processed and stored under refrigeration and room temperature. It was used the cultivars BRS Clara, BRS Linda and BRS Morena produced at Embrapa Grapes and Wine/Tropical Viticulture of Experimental Station, in Jales, state of São Paulo. The clusters were immersed in a solution of sodium hypochlorite (200 mg Cl.L-1 for 5 minutes before being stored at 12ºC for 12 hours. The berries were removed and rinsed with

  5. Efeito da embalagem e temperatura de armazenamento em repolho minimamente processado Minimally processed cabbage: effects of packaging and storage temperature

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria Madalena Rinaldi

    2005-09-01

    Full Text Available O objetivo deste trabalho foi avaliar as alterações no repolho minimamente processado quando armazenado em diferentes embalagens e temperaturas. O processamento mínimo consistiu em seleção, classificação e resfriamento da matéria-prima, seguido do processo de corte em tiras, enxágüe em água tratada para a remoção dos exudados celulares, sanitização em solução com 150mgL-1 de cloro ativo, enxágüe, centrifugação, pesagem, acondicionamento em bandejas de poliestireno expandido, revestidas com filme flexível de policloreto de vinila (PVC, 12µm, e embalagens de tereftalato de polietileno (PET, e armazenamento por 15 dias em temperaturas de 0, 5 e 10ºC. A cada três dias avaliou-se a concentração de O2 e CO2 na atmosfera interna das embal agens, bem como o pH, acidez titulável, sólidos solúveis e vitamina C no repolho minimamente processado. Concluiu-se que o repolho acondicionado na embalagem PVC apresentou menor perda de vitamina C durante os 15 dias de armazenamento nas três temperaturas. Esta embalagem também apresentou maior concentração de CO2 e menor de O2 , porém dentro dos níveis aceitáveis, garantindo assim maior vida útil ao repolho minimamente processado. Observou-se que não houve diferença significativa na vida útil do produto armazenado em temperaturas de 0 e 5ºC, nas duas embalagens avaliadas, porém a 10ºC a mesma reduziu-se significativamente, ao nível de 5% de probabilidade.The objective of this work was to evaluate the changes in the minimally processed cabbage when stored in different packages and temperatures. The minimum process consisted of selection, classification and refrigeration of the raw material, followed by cutting in slices, rinsed with treated tap water for the elimination of cellular exudates, sanitization in solutions with 150mgL-1 of active chlorine, rinsing, centrifugation, weighing, conditioning in polystyrene expanded trays covered with polyvinyl chloride (PVC, 12µm

  6. Temporary storage of jussara palm seeds: effects of time, temperature and pulp on germination and vigor Armazenamento temporário de sementes da palmeira juçara: efeitos do tempo, temperatura e polpa na germinação e vigor

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cibele C. Martins

    2004-06-01

    Full Text Available Seeds of jussara palm (Euterpe edulis Mart. are recalcitrant, presenting low longevity, high sensitivity to dehydration and to low temperatures of storage. Temperature conditions for temporary preservation of those seeds, with and without pulp, were studied. Mature fruits were harvested from 24 plants belonging to the palm collection of the Instituto Agronômico (IAC located at Ubatuba, São Paulo State, Brazil, and taken in moisture-proof containers to the Universidade Estadual de São Paulo, in Botucatu, São Paulo State. Half of the fruits were shelled and the seeds stored, with and without pulp, in sealed plastic bags (20 µm thick maintained in chambers with temperatures of 5; 10; 15 and 20-30ºC. Samples for the quality tests were taken at 0; 3; 6; 9 and 12 days after fruit harvest. Seeds stored with pulp were immediately shelled before test installation. Several characteristics were evaluated, especially seed water content, germination rate, seedling length and dry matter. There is a positive after-ripening effect on Euterpe edulis seeds. A period of storage of 9 to 12 days, after fruit harvest and before sowing, favored germination and vigor of jussara seeds. These effects were higher in shelled seeds when compared to unshelled ones. Short-term storage temperatures ranging from 5 to 20-30ºC are equally adequate for the preservation of seeds without pulp, but should not exceed 20ºC for those with pulp, since a decrease in germination and vigor, and an increase in rotted germinative button and dead seeds were observed at 20-30ºC temperature.As sementes da palmeira juçara (Euterpe edulis Mart. são recalcitrantes, apresentando baixa longevidade e sensibilidade à desidratação e ao armazenamento em temperaturas baixas. Neste trabalho foram estudadas condições de temperatura mais adequadas ao armazenamento temporário destas sementes com e sem a polpa. Frutos maduros foram colhidos em 24 plantas provenientes da coleção de palmeiras

  7. INFLUÊNCIA DAS FLORESTAS URBANAS NA VARIAÇÃO TERMO-HIGROMÉTRICA DA ÁREA INTRAURBANA DE CURITIBA – PR

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luciana Leal

    2014-12-01

    Full Text Available De modo a entender a influência das florestas urbanas na variação termo-higrométrica da área intraurbana da cidade de Curitiba, este trabalho teve como objetivo analisar a variação temporal e espacial da temperatura e da umidade relativa do ar em cada estação do ano e relacioná-la com a presença das florestas urbanas. Para a coleta dos dados meteorológicos foram estabelecidos 44 pontos de monitoramento em quatro transectos na malha urbana da cidade. Nestes pontos foram instalados miniabrigos meteorológicos com sensores modelo Hobo®, fixados nas hastes de sinaleiros e placas de sinalização. O monitoramento da temperatura e umidade relativa do ar foi realizado em períodos correspondentes às quatro estações do ano, com 22 dias de coleta e registro contínuo de dados em intervalos de 15 minutos. Nos quatro transectos analisados na área intraurbana de Curitiba foram encontradas diferenças termo-higrométricas significativas entre os pontos de monitoramento em todos os períodos analisados. Mesmo nas estações do ano de mais baixas temperaturas, o outono e o inverno, foram encontradas diferenças térmicas, relacionadas ao calor antropogênico. Pela análise do perfil longitudinal das temperaturas, observou-se curva semelhante ao perfil clássico das ilhas de calor urbano, com as maiores temperaturas nos locais com maior intensidade de ocupação e atividades antrópicas, como na área central e região centro-sul. As menores temperaturas foram encontradas em bairros residenciais e periféricos, como nas porções norte e noroeste do município e limite sul, além de se evidenciar o efeito do resfriamento das florestas urbanas presentes na área intraurbana, como os Parques Municipais Barigui e São Lourenço. As regiões com maior quantidade de áreas permeáveis, concentração de remanescentes florestais ou espaços verdes públicos apresentaram menores temperaturas e aumento da umidade relativa do ar.

  8. Efeito do armazenamento à baixa temperatura (-4 ºC na cor e no teor de acidez da farinha de trigo Effect of storage at low temperature (-4 ºC in the color and acidity content of wheat flour

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fernanda Ortolan

    2010-03-01

    Full Text Available Durante o armazenamento de farinha de trigo, podem ocorrer mudanças bioquímicas que resultam em alterações nutricionais e tecnológicas, sendo que em baixa temperatura estas mudanças ocorrem mais lentamente. Entre as alterações, pode-se citar o aumento da acidez, a redução do pH e as modificações na sua cor. O presente trabalho teve por objetivo avaliar os efeitos do armazenamento à baixa temperatura (-4 ºC na cor e na acidez da farinha de trigo durante seis meses e correlacionar os resultados obtidos para investigar se a acidez tem relação com a cor da farinha. Foram utilizadas farinhas provenientes de dez genótipos de trigo cultivados em Cascavel, no Estado do Paraná. A cor foi determinada no sistema CIEL*a*b* através dos parâmetros de cor: L* (luminosidade, a* e b* (coordenadas de cromaticidade. Usou-se procedimento da AOAC para determinação da acidez de lipídios. As farinhas apresentaram tendência ao branqueamento durante o período de seis meses de armazenamento, com ocorrência de leve aumento da acidez, mas dentro dos teores aceitáveis. A acidez não foi considerada um fator envolvido na alteração da cor das farinhas no armazenamento à baixa temperatura, pois não houve correlação entre estes dois parâmetros.During wheat flour storage, biochemical changes can occur which lead to nutritional and technological alterations, but in low temperature these changes can occur more slowly. Among the reactions, we may note are an increase in acidity, reduction of pH and modifications to its color. The present work aimed to evaluate the effects of storage at low temperature (-4 ºC on the color and acidity of wheat flour over six months and to correlate the results obtained to discover whether the acidity has any relationship with the color of the flour. Flours of ten wheat genotypes, cultivated in Cascavel, in Paraná State were used. The color was determined via the CIEL*a*b* system using the color parameters: L

  9. Mate (chimarrão é consumido em alta temperatura por população sob risco para o carcinoma epidermóide de esôfago

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    BARROS Sérgio Gabriel Silva de

    2000-01-01

    Full Text Available Introdução -- O mate, ou chimarrão, uma infusão popular de uma erva (Ilex paraguayensis bebida em grandes volumes, é um conhecido fator de risco para carcinoma epidermóide de esôfago e há suspeitas de que a água quente utilizada para o consumo possa ser fator importante na carcinogênese. Métodos - Pesquisou-se a temperatura em que a infusão é ingerida por uma amostragem da população sob risco para carcinoma epidermóide de esôfago. Realizaram-se entrevistas com indivíduos consumidores de mate na área urbana de Taquara, RS, com relação aos hábitos de ingestão de mate, e a temperatura do mate foi medida através de termômetros de precisão. A percepção da temperatura, estimada pelos usuários, foi também registrada. Resultados - Em 36 residências, 107 pessoas estavam ingerindo mate. A maioria bebia a infusão diariamente (97,2% e o consumo médio diário foi de 1.265 mL por usuário (desvio padrão de 1.132 mL, variando de 250 a 6.000 mL. A temperatura medida era igual ou superior a 60 º C em 72% das residências, com média de 63,4 º C (51-78 º C e mediana de 64,4 º C. Conclusão - Neste estudo foi possível evidenciar que o mate é consumido em grandes volumes e alta temperatura e que os usuários não foram capazes de estimar corretamente a temperatura do mate consumido. A temperatura elevada do mate consumido nessa população pode estar contribuindo à carcinogênese esofágica.

  10. Metodologia de Dimensionamento de Sistemas de Aquecimento em Piso, em Função da Temperatura e Espessura de Cama, para Criação de Frangos de Corte Heating Floor Systems on Poutry Breeding: Dimension Methodology Evaluating Litter Thickness and Temperature

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    PG Abreu

    2000-04-01

    Full Text Available Avaliou-se a temperatura e a espessura de cama ideal para os sistemas de aquecimento elétrico (fibra de vidro e argamassa armada, em relação a temperatura ambiental, a partir de testes realizados em galpão para aves, na EMBRAPA-CNPSA. Os valores de temperatura em cada ponto determinado foram coletados de 5 em 5 minutos. O sistema permaneceu em funcionamento até a superfície superior de cama sobre a placa atingir o valor de 35ºC. O sistema mais adequado foi aquele em que a espessura da argamassa e a espessura da fibra de vidro foram 0,06m e 0,08m, respectivamente, com uma espessura de cama total, fora do círculo, de 0,11m.The present study was conducted to evaluate the suitable temperature and thickness of the poultry litter related to the electric heating systems (glass fiber and armed mortar and regarding the ambient temperature variations. Temperature values were obtained in specific places of the litter each 5 minutes. The system keeps working up to 35ºC at the top layer of litter. The suitable system was the one in which the armed mortar and glass fiber thickness were respectively, 0,06 and 0,08 m. In this system, the total thickness outside the brooding area could be maintained at 0,11 m.

  11. Transpiração e temperatura foliar da cana-de-açúcar sob diferentes valores de potencial matricial Transpiration and leaf temperature of sugarcane under different matric potential values

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Roberto Trentin

    2011-12-01

    Full Text Available O objetivo deste trabalho foi avaliar a variação diurna da transpiração e da temperatura foliar da cana-de-açúcar, cv. RB867515, sob diferentes potenciais matriciais de água no substrato de cultivo e as condições meteorológicas em ambiente protegido. O efeito do estresse hídrico na transpiração e temperatura foliar foi determinado a partir da suspensão da irrigação, quando foram realizadas três campanhas de medições, iniciadas aos 122; 150 e 185 dias após o plantio (DAP até que o potencial matricial de água no substrato (Ψ alcançasse -1.500 kPa, aproximadamente. Sob ausência de estresse hídrico (Ψ>-50 kPa, a transpiração das plantas atingiu o valor máximo entre 10 e 13 h, próximo de 60; 70 e 100 g planta-1 h-1 para 122; 150 e 185 DAP, respectivamente. Sob condições de estresse hídrico severo (ΨThe objective of this study was to evaluate the diurnal behaviour of transpiration and leaf temperature of sugarcane (cv. RB867515 under different water matrix potential in the cultivation substrate and greenhouse meteorological conditions. The water stress effect on transpiration and leaf temperature was determined after irrigation suspension, when three measurement campaigns were initiated at 122; 150 and 185 days after planting (DAP until the matrix water potential in the substrate (Ψ reached -1,500 kPa, approximately. Under the absence of water stress (Ψ>-50 kPa, plant transpiration reached the maximum value between 10:00 AM and 13:00 PM, near to 60; 70 e 100 gplant-1h-1, for 122; 150 and 185 DAP, respectively. Under severe water stress (Ψ<-1,100 kPa, there was daily transpiration reduction of approximately 73%, compared to measurements performed without water stress and under similar meteorological conditions. Under the absence of water stress and overcast sky conditions, the average value of the difference between leaf temperature and air temperature was -2.9 ºC. In contrast, under severe water stress and high

  12. Efeito da adrenalectomia e da medulectomia adrenal sobre o esvaziamento gastrico de liquidos em ratos

    OpenAIRE

    Marcos Leitão Ronsini

    1998-01-01

    Resumo: O efeito da adrenalina e da mudelectomia adrenal, sobre o esvaziamento gástrico (EG) de líquidos em ratos, foi estudado em ratos da linhagem Wistar, fornecidos pelo Biotério Central da Unicamp, com idade de 8 semanas e pesando entre 195 e 240 g, com um período de adaptação de 4 dias ao ambiente do labotório, onde pemaneceram com ciclo artificial de luz/penumbra de 12 horas e temperatura entre ?22GRAUS? e ?28GRAUS?C. Os animais foram divididos em 3 grupos. O primeiro, formado por anim...

  13. Equivalência de dulçor e poder edulcorante de edulcorantes em função da temperatura de consumo em bebidas preparadas com chá-mate em pó solúvel Equi-sweetness and sweetening power of different sweetening agents in differents temperatures of consumption of tea drink in soluble power

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Juliana Maria Porto Cardoso

    2004-09-01

    Full Text Available No presente estudo foi verificado o efeito da temperatura de consumo na equivalência de doçura e no poder edulcorante de diferentes agentes adoçantes em bebida de chá-mate em pó solúvel. Foram avaliados: aspartame, sucralose, mistura ciclamato/sacarina 2:1, Stevia e acessulfame-K, tendo como referência a sacarose. Todos os estudos foram realizados a 6±2ºC e a 45±2ºC. Primeiramente foi determinada a doçura ideal, utillizando-se escala do ideal com 30 provadores consumidores da bebida. Em seguida, foi determinada a doçura equivalente à sacarose (na doçura considerada ideal para cada edulcorante estudado, e seu poder edulcorante nas duas temperaturas de estudo. Para tal foi aplicado o método de estimação de magnitude, utilizando-se uma equipe de 10 provadores selecionados e treinados. A doçura ideal de sacarose foi de 8,3% para a bebida de chá-mate solúvel, sem diferença significativa entre as temperaturas de estudo. Ocorreram diferenças sensoriais importantes em função da temperatura, pois, enquanto para alguns edulcorantes o aumento de temperatura provocou diminuição na potência edulcorante, para outros foi observado aumento do poder edulcorante. Portanto, não se deve generalizar as alterações no poder edulcorante em função da temperatura, pois ela pode variar em função da classe química envolvida e do meio de dispersão em que se encontra.In this work the effect of temperature of consumption in the equi-sweetness and sweetening power of different sweetening agents was verified in tea drink in soluble powder. The panelists had evaluated: aspartame, sucralose, mixture of cyclamate/saccharin (2:1, Stevia [Stevia rebaudiana (Bert. Bertoni] and acesulfame-K as sweeteners, having sucrose as reference. All sensory tests were carried-out at 6±2ºC and 45±2ºC. Firstly the ideal sweetness was determined by just-about-right scale with 30 consumers of tea drink. After the ideal sweetness of sucrose determination, the

  14. Novas determinações dos parâmetros atmosféricos das estrelas anãs brancas DA

    Science.gov (United States)

    Giovannini, O.; Costa, A. F. M.; Kepler, S. O.

    2003-08-01

    Nós temos selecionado uma amostra de estrelas anãs brancas DA (atmosfera de hidrogênio) a partir dos índices de Strömgren cujos valores estão próximos a região de instabilidade das estrelas anãs brancas DA variáveis, as chamadas estrelas DAV ou ZZ Ceti. O objetivo é determinar os parâmetros fundamentais (temperatura efetiva, Teff, aceleração da gravidade, log g, e massa) destas estrelas para verificar quais os parâmetros estelares estão envolvidos com o mecanismo de pulsação das estrelas DAV. Nós obtemos, até agora, mais de 120 espectros óticos de estrelas DA. Entre as estrelas selecionadas há 20 estrelas variáveis (DAV). Assim, podemos verificar se existem ou não estrelas não variáveis dentro da faixa de instabilidade das estrelas ZZ Ceti. Neste trabalho nós apresentamos a determinação dos parâmetros atmosféricos (temperatura efetiva, Teff, e aceleração da gravidade, log g) das estrelas anãs brancas DA usando os novos modelos de atmosfera ML2/a = 0.6. Estes modelos têm sido utilizados recentemente por fornecerem uma excelente consistência interna na determinação das temperaturas nas regiões do ultra-violeta e ótico. Os parâmetros atmosféricos são determinados espectroscopicamente através da comparação do fluxo de energia das linhas de Balmer (Hb à H9) entre os espectros observados e sintéticos (gerados pelos modelos de atmosfera). As temperaturas obtidas com os novos modelos são, em geral, menores (~ 1000 K menos) que as temperaturas determinadas anteriormente, com modelos ML1. Os valores de log g não mudaram significativamente (menos de 10%). A faixa de instabilidade das DAVs está entre 11000 e 13000 K, consistente com dados de outros autores.

  15. Caracterização de fatores que afetam a germinação de teca (Tectona grandis: temperatura e escarificação

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rodrigo Barros Rocha

    2011-04-01

    Full Text Available A germinação lenta e irregular das sementes é uma limitação para a produção de mudas de teca (Tectona grandis. Embora métodos práticos estejam disponíveis poucos estudos quantificaram sistematicamente o efeito do aquecimento e da escarificação para a superação da dormência. O emprego de altas temperaturas pode ser realizado através de um coletor solar, aparelho de montagem simples que permite a captação da energia solar e transformação em energia calorífera. O objetivo deste trabalho foi avaliar a interação dos fatores "aquecimento" e "escarificação" na superação da dormência dos diásporos de teca avaliando o desempenho do coletor solar. Foi avaliado experimento em delineamento de fatorial completo com quatro níveis do fator "aquecimento" (A1 - solarizador, A2 - estufa a 80ºC (12h, A3 - estufa a 80ºC (4h/3dias, A4- sem aquecimento e três níveis do fator "escarificação" (E1 - escarificação física, E2 - escarificação química e E3 - sem escarificação, totalizando 12 tratamentos com cinco repetições de 25 diásporos por parcela. O teste F a 1% de probabilidade indicou a ocorrência de interação significativa entre os fatores "aquecimento" e "escarificação", resultado da menor germinação dos diásporos que foram escarificados após aquecimento. A utilização de altas temperaturas na ausência de escarificação caracterizou os tratamentos de melhor desempenho para a superação da dormência. O menor desempenho associado aos maiores custos e riscos para manipulação desencorajaram o uso da escarificação química na superação da dormência. A alternância de temperaturas favoreceu a germinação, sendo que o coletor solar mostrou-se uma alternativa prática, viável e de menor custo para a superação da dormência em teca.

  16. Efeito da maturação e temperatura na germinação de sementes de Phoenix canariensis hort. ex Chabaud - Arecaceae Effect of maturation stage and temperature on germination of Phoenix canariensis Hort. ex Chabaud (Arecaceae seeds

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ricardo Soares Pimenta

    2010-02-01

    Full Text Available Phoenix canariensis hort. ex Chabaud, originária das Ilhas Canárias, é uma palmeira que apresenta grande valor ornamental. A propagação das palmeiras, de modo geral, é considerada lenta, desuniforme e influenciada por vários fatores, como estádio de maturação e temperatura. Devido à sua importância e à falta de informações na literatura sobre a propagação da espécie, este trabalho teve como objetivo estudar o efeito do estádio de maturação e da temperatura na germinação de sementes de P. canariensis. Realizou-se um experimento cujo delineamento experimental foi inteiramente casualizado em esquema fatorial 2 x 5 (2 para maturação e 5 para temperatura, com quatro repetições de 25 sementes. Frutos de colorações alaranjada (intermediário e marrom (maduro foram despolpados e os diásporos, colocados em caixas plásticas (tipo gerbox contendo vermiculita como substrato, nas temperaturas de 25, 30, 35, 20-30 e 25-35 ºC, com fotoperíodo de 16 h de luz e 8 h de escuro, utilizando-se câmaras incubadoras tipo BOD com controle de temperatura e fotoperíodo. Pelos resultados, conclui-se que a condição que permitiu maior porcentagem de germinação das sementes de P. canariensis foi a partir de frutos maduros (de coloração marrom, na temperatura alternada de 20-30 ºC, atingindo 98% de germinação.Phoenix canariensis Hort. ex Chabaud is a palm tree of great ornamental value native to the Canary Islands. Its commercial propagation is done by sexual means and there are only few studies on seed germination under the influence of various factors such as maturation stage and temperature. We tried to evaluate the seed germination of P. canariensis using fruits at different maturarion stages under different temperatures. The experiment was arranged in a complete randomized design in a 2 x 5 factorial scheme (two maturation stages and five temperature conditions, with four samples containing 25 seeds each. Brownish and orangish

  17. Efeitos da temperatura e do alimento no desenvolvimento de Dysdercus maurus Distant (Hemiptera, Pyrrhocoridae Effects of temperature and food on the development of Dysdercus maurus Distant (Hemiptera, Pyrrhocoridae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fábio Souto Almeida

    2007-12-01

    Full Text Available Dysdercus maurus Distant, 1901 (Hemiptera, Pyrrhocoridae é uma importante praga de Gossypium spp. (algodoeiro, Citrus Sinensis Osbeck (Rutaceae (laranjeira e Citrus reticulata (Rutaceae (tangerineira, além de sementes de Chorisia speciosa St. Hil. (paineira. Este trabalho objetivou avaliar os efeitos da temperatura e do alimento no desenvolvimento de D. maurus. Foram realizados oito tratamentos, seis em que os percevejos foram alimentados com sementes de paineira e mantidos a 15, 18, 20, 25 e 30 ± 1ºC, UR 80 ± 3% e fotofase de 12 h ou em condições ambientais de laboratório (23,5 ± 2,6ºC, UR 73,3 ± 9,9 %, e dois em que foram alimentados com sementes de algodão variedade IAC-22 e mantidos a 25 e 30ºC. Em todos os tratamentos foram observados cinco estágios imaturos. O aumento da temperatura proporcionou diminuição do tempo de desenvolvimento. A temperatura de 15ºC foi letal para ovos e ninfas de D. maurus. A menor mortalidade de ninfas ocorreu quando os percevejos foram alimentados com sementes de algodão a 25ºC (24,07%. A menor temperatura base (Tb foi obtida para o 1º ínstar (11,54ºC e a maior para o 2º ínstar (15,33ºC. As fêmeas de D. maurus necessitam de maior quantidade de graus-dias (329,93 graus-dias que os machos (300,49 graus-dias para atingir o estádio adulto.Dysdercus maurus Distant, 1901 (Hemiptera, Pyrrhocoridae is an important pest on Gossypium spp. (cotton tree, Citrus sinensis Osbeck (Rutaceae and Citrus reticulata Blanco (Rutaceae crops. This insect also feeds on seeds of Chorisia speciosa St. Hil. (Bombacaceae. This work aimed to evaluate the effects of temperature and food on the development of D. maurus. Eight treatments were carried out, in six of them bugs were fed with seeds of C. speciosa and kept at 15, 18, 20, 25 and 30 ± 1ºC, 80 ± 3% RH and 12h photophase or in laboratory conditions (23.5 ± 2.6ºC, 73.3 ± 9.9 % RH, and in the other two treatments bugs were fed with seeds of cotton variety

  18. Efeito da luz e da temperatura de congelamento sobre a estabilidade das antocianinas da pitanga roxa The effects of light and freezing temperature upon the stability of purple surinam cherry's anthocyanins

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Vera Lúcia Arroxelas G. de Lima

    2005-03-01

    Full Text Available As antocianinas são corantes naturais que podem ser utilizadas como alternativa em substituição aos corantes sintéticos. Entretanto, a baixa estabilidade destes compostos é o principal fator que dificulta sua aplicação como corante em alimentos. Frente à escassez de estudo sobre o pigmentos antociânicos da pitanga roxa, este trabalho teve como propósito avaliar a sua estabilidade à luz e ao congelamento. Utilizando a leitura de absorbância do extrato antociânico submetido às condições experimentais foi evidenciado que a luz reduziu o seu tempo de meia-vida, enquanto que a temperatura de congelamento exerceu pequeno efeito na degradação dos pigmentos.Anthocyanins are natural colorants that can be used as alternative to synthetic dyes. However, the low stability of these compounds is the main drawback in their application as food colorants. Since the information on anthocyanin pigments in Surinam cherry is scarce, the purpose of this investigation was to assess their stability to light and freezing storage. The anthocyanin extract absorbance, under the experimental conditions, showed that light incidence reduced the half-life of anthocyanin extract; meanwhile the freezing storage had little effect on these pigments degradation.

  19. Conservação pós-colheita de frutos de araçá-vermelho em função do estádio de maturação e temperatura de armazenamento

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Amanda Maria Furtado Drehmer

    2008-06-01

    Full Text Available O presente trabalho objetivou estudar os efeitos do estádio de maturação e temperatura de armazenamento sobre a fisiologia de araçá-vermelho. Frutos colhidos nos estádios de maturação verde (coloração vermelha da epiderme 50% foram armazenados nas temperaturas de 0; 5; 10; 20 e 30ºC (UR de 85-90% para a quantificação das taxas respiratórias e alterações na coloração da epiderme (L='lightness' e hº=ângulo 'hue'. Houve aumento substancial na taxa respiratória com o aumento na temperatura de armazenamento de 0 a 30ºC, com Q10 @ 2,7. Frutos colhidos no estádio de maturação verde apresentaram, em relação a frutos colhidos no estádio maduro, sensível redução na qualidade, caracterizada pelo menor teor de sólidos solúveis e maior acidez, porém melhor retenção de firmeza e de coloração da epiderme (com menor alteração na coloração de verde para vermelho, especialmente quando armazenados a 0ºC, e menor incidência de podridões. Frutos de araçá-vermelho devem ser colhidos no estádio maduro e imediatamente armazenados a temperaturas próximas de 0ºC, visando a prolongar a sua conservação, já que apresentam elevadas taxas respiratórias e rápido amadurecimento à temperatura ambiente (20ºC.

  20. Variação de temperatura do músculo quadríceps femoral exposto a duas modalidades de crioterapia por meio de termografia

    OpenAIRE

    Carvalho,Alberito Rodrigo de; Medeiros,Daiane Lazzeri de; Souza,Francieli Tibes de; Paula,Grazieli Francine de; Barbosa,Patrícia Mantovani; Vasconcellos,Paula Renata Olegini; Buzanello,Márcia Rosângela; Bertolini,Gladson Ricardo Flor

    2012-01-01

    INTRODUÇÃO: Crioterapia é qualquer forma de aplicação terapêutica de frio que leva à diminuição da temperatura dos tecidos. OBJETIVO: Comparar as variações na temperatura superficial do músculo quadríceps femoral, em três momentos distintos, quando expostos a duas modalidades de crioterapia: sacos com gelo ou sacos contendo mistura de gelo e água. MATERIAIS E MÉTODOS: Participaram do estudo 18 indivíduos, com idade entre 18 e 25 anos, de ambos os sexos. Em cada voluntário foi realizada, simul...

  1. Monitoramento de tempo e temperatura de distribuição de preparações à base de carne em escolas municipais de Natal (RN, Brasil Monitoring exposure time and distribution temperature of meat-based meals served in municipal schools in Natal, Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Monique Silveira Rosa

    2008-02-01

    Full Text Available OBJETIVO: Monitorar o tempo e a temperatura de distribuição de preparações à base de carne servidas em escolas municipais de Natal (RN. MÉTODOS: Foram selecionadas 27 escolas da rede municipal de ensino, de forma aleatória, divididas em estratos por diferentes regiões administrativas. As medições de temperatura de preparações à base de carne foram verificadas quatro vezes em cada escola e o tempo de exposição destas foi verificado ao final da cocção e no início e no final da distribuição, com um termômetro digital do tipo espeto e relógio digital. Os resultados foram comparados com os padrões da resolução da diretoria colegiada nº 216/2004, da Agência Nacional de Vigilância Sanitária do Ministério da Saúde. RESULTADOS: Para temperatura de cocção, 100% das escolas apresentaram-se dentro dos padrões (acima de 70ºC. Entretanto, no início e no final da distribuição, 100% das escolas das Regiões Leste e Sul apresentaram temperaturas inadequadas (abaixo de 60ºC. Na Região Oeste 70% das escolas apresentaram temperaturas em desacordo no início da distribuição e 90% no final dessa etapa. Na Região Norte verificou-se que 91% das escolas apresentaram temperaturas impróprias no início e 82% no final da distribuição. As médias do tempo de espera das preparações foram de 59, 49, 66 e 48 minutos para as regiões Leste, Oeste, Norte e Sul, respectivamente. CONCLUSÃO: Há necessidade da adoção de Boas Práticas nas escolas municipais de Natal, a fim de uma manutenção efetiva da temperatura de distribuição das refeições no intuito de garantir uma alimentação de qualidade sanitária satisfatória aos escolares, evitando-se as intoxicações alimentares decorrentes da ineficácia das temperaturas.OBJECTIVE: To monitor exposure time and temperature of meat-based meals served in municipal schools in Natal, Brazil. METHODS: Twenty-seven municipal schools were randomly selected and stratified by

  2. Avaliação da fundibilidade de uma liga de cobalto-cromo

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    CARREIRO Adriana da Fonte Porto

    1999-01-01

    Full Text Available Neste trabalho propusemo-nos a avaliar a fundibilidade de uma liga de cobalto-cromo (VERA-PDI em função da utilização de três revestimentos: Knebel (aglutinado por sílica, Termocast e Wirovest (aglutinados por fosfato e duas temperaturas de aquecimento para o molde (900°C e 950°C. Para a execução do teste foi utilizado o método descrito por HINMAN et al.9 (1985. O método de fundição foi o de cera perdida sob chama de gás-oxigênio. Os dados obtidos foram submetidos a análise estatística e demonstraram não haver diferença estatisticamente significante para os revestimentos Knebel e Wirovest, e diferença estatisticamente significante ao nível de 0,1% para o revestimento Termocast quando da variação da temperatura de aquecimento do molde. Quando analisamos os revestimentos sob temperatura do molde de 900°C verificamos diferença estatisticamente significante entre Knebel e Termocast e Knebel e Wirovest ao nível de 0,1%, e diferença entre Termocast e Wirovest ao nível de 5%. Para a temperatura de 950°C houve diferença estatisticamente significante ao nível de 0,1% entre todos os revestimentos. Dentro dos parâmetros utilizados neste estudo pudemos concluir que, para a liga VERA-PDI, a utilização do revestimento Knebel e temperatura de aquecimento do molde de 950°C proporcionaram melhores resultados quanto à fundibilidade.

  3. Spatial variability of co2 emission, temperature and moisture of a bare oxisol submitted to different wetting levels / Variabilidade espacial da emissão de CO2, da temperatura e umidade de um latossolo desprovido de vegetação sob diferentes lâminas de molhamento

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Newton La Scala Júnior

    2009-03-01

    Full Text Available The irrigation application is one of the most useful techniques in tropical environments, especially during dry seasons. In this study, CO2 efflux, temperature and soil moisture were studied in a field sampled with a grid having 48 points distributed in 35 x 25 m, under irrigation promoted by a sprinkler located at the center of the area, provoking different levels of water deposition, with maximum irrigation levels of 44.4 and 62.2 mm in points closer to the sprinkler. The results show that the emissions, temperature and moisture were strongly affected by the two irrigations events, having a total water level added of 106,6 mm for the points next to the sprinkler and zero for the most distant points from it. The maps of space variation of the variables, as well as the linear correlation between them, indicate that the emissions were positively related to the soil moisture and negative correlated to the soil temperature only after the irrigations events. The special variability models of soil CO2 emission changed from exponential to spherical after the irrigations events. Such results indicate that soil moisture is among possible controlling factors of the soil CO2 emission, because even with reductions in soil temperature provoked by the wetness, emissions increased strongly.A aplicação de lâminas de irrigação em solos é uma das práticas mais adotadas em ambientes tropicais, especialmente em épocas de seca. Neste trabalho, investigaram-se as emissões de CO2, temperatura e umidade do solo, em 48 pontos distribuídos numa área de 35 x 25 m, afetados por irrigações, promovidas com um aspersor localizado no centro da área, que provocou um molhamento com perfil triangular com lâminas máximas aplicadas de 44,4 e 62,2 mm nos pontos mais próximos do aspersor, Os resultados indicam que as emissões, temperatura e umidade do solo foram fortemente afetadas pelas duas irrigações na área, cuja lâmina total de água somou 106,6 mm para os

  4. Influência da pressão, temperatura e pré-tratamentos na secagem a vácuo de cenoura e abóbora Influence of pressure and temperature and pre-treatments in the carrot and pumpkin vacuum drying

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Aroldo Arévalo-Pinedo

    2005-12-01

    Full Text Available O presente trabalho visou estudar experimentalmente a cinética de secagem a vácuo de cenoura e abóbora "in natura" e pré-tratadas por branqueamento e congelamento. Os ensaios experimentais foram conduzidos em um secador a vácuo, nas pressões de 5, 15 e 25 kPa e temperaturas de 50, 60 e 70°C. Estudou-se a influência da pressão e temperatura assim como os pré-tratamentos adotados sobre a cinética de secagem. A análise do efeito dos pré-tratamentos e dos parâmetros pressão e temperatura sobre a velocidade de secagem revelou que os melhores valores foram obtidos com a temperatura de 70°C e pressão de 5 kPa para as amostras prétratadas por congelamento. Quanto ao tipo de matéria-prima utilizado, a abóbora apresentou maiores velocidades de secagem que a cenoura, independentemente do tratamento recebido e da condição de secagem utilizada. As curvas experimentais de secagem foram ajustadas ao modelo difusional de Fick para uma placa plana infinita.In this work it was studied experimentally the kinetics of drying of carrot and pumpkin under vacuum drying in nature and pre-treatment by freezing and bleaching. The experimental runs were driven in a dryer under vacuum, at pressures of 5, 15 and 25 kPa and temperatures of 50, 60 and 70°C. The influences on the drying kinetics of the pressures and temperature were studied, as well as the effect of adopting pre-treatment. It was observed that the best values were obtained at the temperature of 70°C and pressure of 5 kPa for the samples pretreatment by freezing. As concerns to the raw material employed, pumpkin presented higher drying speeds than the one shown by carrot, independently of the treatment received and of the operational condition of drying. The experimental curves of drying were adjusted to the difusional model of Fick for an infinite slab.

  5. Invernaderos: seguimientos de temperatura y oxígeno

    OpenAIRE

    Sonnenholzner, Stanislaus

    2002-01-01

    Invernaderos: Seguimientos de Temperatura y Oxígeno Entre diciembre del 2001 y mayo del 2002 se realizaron dos series de experimentos para evaluar el efecto de las temperaturas altas en la supervivencia y el crecimiento del camarón utilizando invernaderos.

  6. Análise termomecânica da madeira de Corymbia citriodora submetida a gradientes térmicos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marcos Oliveira de Paula

    Full Text Available A madeira, quando exposta a condições de estresse, como no caso de um gradiente de temperatura, pode levar a estrutura de uma determinada instalação ao desmoronamento. A taxa na qual a madeira se converte em carvão é determinante, em função da redução da seção resistente. A presente investigação teve como objetivo avaliar o comportamento termomecânico da madeira de Corymbia citriodora submetida a gradientes de temperatura e diferentes tempos de exposição, com diferentes tratamentos (Verniz e CCB, com o intuito de minimizar o processo de carbonização. No que diz respeito aos ensaios mecânicos, pode-se afirmar que o aumento da temperatura de carbonização e do tempo de exposição das amostras ocasionou um decréscimo da resistência à compressão paralelamente às fibras do material, ocasionado fragilidade de carregamento. Os tratamentos testados (CCB e Verniz não apresentaram resultados satisfatórios no que diz respeito ao retardo da combustão, não sendo, portanto, recomendáveis para esses fins.

  7. Efeito dos parâmetros de extrusão sobre as propriedades funcionais de extrusados da farinha de batata-doce

    OpenAIRE

    Borba,Alexandra M.; Sarmento,Silene B. S.; Leonel,Magali

    2005-01-01

    Farinha de batata-doce (Ipomoea batatas) foi extrusada em equipamento de rosca simples, mantendo-se fixas as temperaturas na 1ª e 2ª zonas de extrusão (20ºC e 60ºC, respectivamente). O efeito das variáveis umidade da farinha (15, 18 e 21%), temperatura na 3ª zona (100, 120 e 140ºC) e rotação da rosca (180, 210 e 240 rpm) sobre as características dos extrusados foi investigado utilizando-se metodologia de superfície de resposta. O teor de umidade e a temperatura de extrusão influenciaram signi...

  8. Influência do ácido acetilsalicílico, da sacarose e da temperatura na conservação in vitro de segmentos caulinares de batata Effect of acetyl salycilic acid, sucrose and temperature on in vitro storage of potato shoots

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Adriane M. da Conceição

    1999-11-01

    Full Text Available O presente trabalho foi realizado no Laboratório de Cultura de Tecidos da Embrapa Clima Temperado (Pelotas-RS, com o objetivo de estudar o efeito do ácido acetil salicílico (AAS, associado à sacarose e à temperatura na conservação in vitro de segmentos caulinares das cultivares de batata Baronesa e Santo Amor. Os segmentos foram inoculados em meio de cultura com sais e vitaminas de MS, acrescido de 100 mg.L-1 de mio-inositol, 6 g.L-1 ágar e com sacarose nas concentrações de 10, 30 e 50 g.L-1 combinadas com ácido acetil salicílico a 0, 3, 6, 9 e 12 mg.L-1. Após a inoculação o material foi mantido às temperaturas de10 e 25°C. O experimento constituiu-se de um fatorial AxBxCxD [temperatura (2 x sacarose (3 x AAS (5 x cultivar (2], em blocos casualizados, com quatro repetições, sendo cada explante uma parcela. O comprimento do segmento caulinar foi analisado pelo teste de Duncan e pela regressão polinomial dos fatores. As avaliações foram iniciadas 15 dias após a instalação do experimento e continuadas a cada 15 dias, sucessivamente ao longo de 180 dias. Da variável percentagem de sobrevivência do material em conservação in vitro foi calculado apenas o valor médio. A concentração de sacarose de 30 g.L-1 no meio de cultura, e a temperatura de 10°C, foram os melhores tratamentos para a melhor conservação in vitro e maior percentagem de sobrevivência dos segmentos caulinares de batata.This work was carried out at the Tissue Culture Laboratory at Embrapa Clima Temperado Pelotas-RS, Brazil, to evaluate the influence of acetyl salycilic acid (ASA, sucrose and temperature in the in vitro storage of potato shoot cvs. Baronesa and Santo Amor. The shoot segments were inoculated on a medium containing MS salts, vitamins, myo-inositol (100 mg.L-1, agar (6.0 g.L-1 and sucrose at 10, 30 and 50 g.L-1 combined with acetyl salicylic acid at 0, 3, 6, 9 and 12 mg.L-1. After inoculation the material was kept at 10 or 25°C. The

  9. Relação entre a precipitação no setor leste do nordeste do Brasil e a temperatura da superfície nos oceanos Atlântico e Pacífico Relationship between the rainfall in eastern Northeast Brazil and the sea surface temperature in the Atlantic and Pacific oceans

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Geber Barbosa de A. Moura

    2000-01-01

    Full Text Available Objetivou-se, com este estudo, relacionar a precipitação no setor leste do Nordeste do Brasil (NEB com a Temperatura da Superfície do Mar (TSM nos oceanos Atlântico (área do Dipolo e Pacífico, no período de 1945 a 1985. Através dessa análise pode-se ter uma idéia de como os episódios com anomalias de TSM influenciam na pluviometria da costa leste do NEB (que se estende do Rio Grande do Norte à Bahia. Os resultados mais significativos foram os seguintes: em anos com gradiente de temperatura negativo no Atlântico, aqui também chamado gradiente desfavorável, as chuvas ocorreram abaixo da média de longo período nos estados do Rio Grande do Norte (84% e Paraíba (74%; em anos com gradiente de temperatura neutro, as chuvas foram normais ou acima do normal na Paraíba (73%; em anos com gradiente de temperatura positivo no Atlântico, aqui também chamado gradiente favorável, as chuvas ocorreram na média e acima da média de longo período, nos Estados de Alagoas (73%, Sergipe (73% e Bahia (73%.The main purpose of this study was to relate the rainfall in eastern Northeast Brazil (NEB with the sea surface temperature (SST in the Atlantic (Dipole area and Pacific oceans during the 1945-1985 period. This analysis shows how anomalous SST events influence precipitation in the eastern part of NEB, from the states of Rio Grande do Norte through to Bahia. The main significant results were: in years with a negative temperature gradient in the Atlantic, the rainfall was below the long term mean in Rio Grande do Norte (84% and Paraíba (74%; in years with neutral gradient, the rainfall was normal or above normal in Paraíba (73%; in years with positive temperature gradient (south minus north, hereby called favorable gradient, the rainfall was above the long term mean, in Alagoas (73%, Sergipe (73% and Bahia (73%.

  10. Efeito da temperatura sobre a composição físico-química e compostos bioativos de farinha de taro obtida em leito de jorro

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Deise Souza de Castro

    2017-05-01

    Full Text Available Resumo A produção de farinhas a partir de frutas, hortaliças e de tubérculos não convencionais para esse processo vem sendo estudada como uma alternativa de produção de alimentos. Dentre os tubérculos, tem-se o taro, o qual pode ser consumido de várias maneiras: cozido, em forma de purê, como ingrediente para sopas e ensopados e em forma de farinha. Desta forma, objetivou-se com este trabalho estudar o processo de secagem por atomização do taro, em leito de jorro, sob diferentes temperaturas e avaliar a influência de condições operacionais no rendimento e na qualidade do produto após sua secagem. As análises físico-químicas realizadas no produto in natura e nas farinhas foram: teor de água, pH, acidez total titulável e ácido ascórbico total, atividade de água (25°C e cor, além de compostos fenólicos e flavonoides. As farinhas obtidas apresentaram vitamina C variando de 0,05 a 0,17 mg/100g, compostos fenólicos variando de 4,42 a 5,60 mg/100 g e quantidade de flavonoides de 1,05 a 4,30 µg/100 g, tornando-as alimentos fonte de compostos bioativos, os quais podem ser adicionados na elaboração de outros produtos ou inseridos na dieta humana. Conclui-se que a farinha obtida sob a temperatura de 90°C apresentou os maiores conteúdos de vitamina C, porém as farinhas obtidas sob as temperaturas de 70 °C e 80 °C possuem pH próximo da neutralidade, além do teor de água em porcentagem reduzida prolongar a vida de prateleira do produto.

  11. Estratégias para o alívio da sede: revisão integrativa da literatura

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Aline Korki Arrabal Garcia

    Full Text Available RESUMO Objetivo: analisar as estratégias utilizadas para minorar a sede do paciente hospitalizado. Método: revisão integrativa, para a qual as bases de dados PubMed, LILACS, CINAHL e o conjunto de referências organizadas pelo Grupo de Estudo e Pesquisa da Sede foram selecionadas para a busca dos estudos primários, com os descritores: thirst, ice, cold, intervention, nursingcare, artificialsaliva. Resultados: a amostra da revisão foi composta de 10 estudos primários. As estratégias encontradas foram: baixa temperatura utilizando gaze congelada, lascas de gelo e água fria, mentol associado a estratégias frias, goma de mascar, acupressão, uso de canudo fino, substituto salivar e ingestão precoce de líquidos. Conclusão: a temperatura apresentou-se como estratégia predominante e efetiva para minorar a sede de pacientes cirúrgicos, em cuidado intensivo e em tratamentos de hemodiálise.

  12. Avaliação da temperatura de transição vítrea de compósitos poliméricos reparados de uso aeronáutico Evaluation of glass transition temperature of the repaired polymeric composites of aeronautical use

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Jane M. F. de Paiva

    2006-03-01

    Full Text Available Este trabalho mostra a avaliação da temperatura de transição vítrea (Tg, por DMTA, de três famílias de compósitos poliméricos reparados, tendo como laminados base tecidos de fibras de carbono/resina epóxi modificada com elastômero (F584, vidro/resina epóxi (F161 e aramida/resina epóxi (F161. Os compósitos foram laminados manualmente por processo convencional e curados em autoclave de indústria aeronáutica. Posteriormente, danos foram simulados sendo, em seguida, reparados adotando-se a técnica de sobreposição de camadas de pré-impregnados de resina epóxi (F155, com adição de filme adesivo de epóxi (FM 73. As curvas DMTA mostram os efeitos da combinação de diferentes sistemas de resinas na Tg e, conseqüentemente, na temperatura de serviço do componente reparado. O material de reparo utilizado, baseado em pré-impregnados com resina epóxi F155 e filme adesivo de epóxi, provocou a redução da Tg dos compósitos reparados. Para os laminados base com tecido de fibras de carbono e vidro foram verificadas reduções de aproximadamente 30 °C na Tg. Este efeito foi mais pronunciado (redução de aproximadamente 40 °C quando o laminado reparado de aramida foi submetido a condicionamento higrotérmico a temperatura e umidade elevadas. Esta redução na Tg dos laminados reparados é atribuída à migração do adesivo para o pré-impregnado de resina epóxi F155 utilizado no reparo, durante o processo de cura, e à plasticização do sistema polimérico pela água, durante o condicionamento higrotérmico. A redução da Tg leva a uma conseqüente redução da temperatura de serviço do compósito polimérico reparado.This work shows the evaluation of the glass transition temperature (Tg by DMTA of three different families of repaired polymeric composites, manufactured with carbon fiber fabric/epoxy F584, glass fabric/epoxy F161 and aramide fabric/epoxy F161, respectively. The composites were laminated by conventional hand

  13. Modificações nas atividades da poligalacturonase e pectinametilesterase em morangos armazenados a temperatura ambiente Modifications in the activities of poligalacturonase and pectinametilesterase in stored strawberries the ambient temperature

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Polyanna Alves Silva

    2009-01-01

    Full Text Available Objetivou-se, neste trabalho, avaliar as modificações da poligalacturonase (PG e da pectinametilesterase (PME em morangos cultivados na região de Lavras, MG, e armazenados em temperatura ambiente. Foram utilizados morangos das cultivares 'Oso-grande', 'Toyorrinho' e 'Tudla'. Utilizou-se o delineamento inteiramente casualizado com 4 repetições, sendo os tratamentos arranjados em esquema fatorial (3X2, sendo 3 cultivares e 2 dias de análises (0 e 5 dias. A parcela experimental foi constituída por 10 frutos. Durante o armazenamento houve uma diminuição nos teores de pectina total e um aumento nos de pectina solúvel em todas as variedades analisadas. A atividade da PG e PME aumentaram com o período de armazenamento, independente da cultivar.The objective of this research was to evaluate the modifications of the polygalacturonase (PG and the pectinmethilesterase (PME in strawberries cultivated in the region of Lavras, MG, and stored at room temperature. Strawberries of the research were used for plantation of 'Oso-grande', 'Toyorrinho' and 'Tudla'. The entirely randomized design with 4 replicates was used, being the treatments arranged in factorial (3x2, being 3 plantations and 2 days of analyses (0 and 5 days. The experimental parcel was consisted by 10 fruits. During the storage there was a reduction in the levels of total pectin and an increase in the ones of soluble pectin in all the analyzed varieties. With the period of storage the PG and PME activity grew, independent of the cultivar.

  14. Efeito de absorvedor de etileno na conservação de mamão "Golden", armazenado à temperatura ambiente

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Danieele Fabíola Pereira da Silva

    2010-12-01

    Full Text Available O objetivo foi determinar a dose de permanganato de potássio (KMnO4, associada à embalagem plástica, mais eficiente em retardar o amadurecimento do mamão 'Golden', armazenado sob temperatura ambiente. Conjuntos de três frutos com massa média unitária de 278,8±18,9 g foram embalados em filmes de polietileno de baixa densidade, nos quais foram incluídos sachês, contendo vermiculita impregnada com o KMnO4, nas doses de 0,0; 1,0; 2,0; 3,0 e 4,0 g/ embalagem. Os frutos embalados foram armazenados durante 15 dias, a 20,0 ± 0,5 °C e 90 ± 5% de UR. Após esse período, foram mantidos na mesma temperatura, porém, fora das embalagens. As avaliações foram feitas no dia da retirada das embalagens e nos cinco dias consecutivos. Foram avaliados a concentração de CO2 no interior das embalagens, a produção de CO2, a cor da casca, a perda de massa da matéria fresca do fruto e a firmeza da polpa, o extravasamento de solutos, o teor de sólidos solúveis e a concentração de etanol da polpa. Após 15 dias de permanência nas embalagens, os frutos tratados com KMnO4 apresentaram menores produção de CO2, índice de cor da casca, perda de eletrólitos celulares e teor de etanol, porém, maior firmeza da polpa, quando comparados com frutos sem aplicação de KMnO4, indicando que os frutos não tratados tiveram amadurecimento antecipado. Após a retirada das embalagens, os frutos tratados com KMnO4 permaneceram firmes durante dois dias de avaliação. A dose de 1,0 g de KMnO4/embalagem foi a mais indicada para as condições do experimento.

  15. Monitoramento da cadeia do frio: novas tecnologias e recentes avanços

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Wigberto Antonio Spagnol

    2017-11-01

    Full Text Available Resumo A economia, atualmente, é impulsionada pela alta competitividade, exigindo que os setores de produção e logística sejam ágeis, flexíveis e com capacidade de ação para a solução de dificuldades. A logística é de extrema importância para as operações das cadeias de alimentos perecíveis, como carnes, peixes, lácteos, frutas e produtos hortícolas, assim como para determinados produtos da indústria farmacêutica, como vacinas, biomedicamentos e hemoderivados, que necessitam do uso da cadeia do frio devido à sua perecibilidade. A temperatura é o fator mais importante para a conservação da qualidade e manutenção da vida útil destes produtos, sendo a refrigeração um dos métodos mais amplamente utilizados para retardar o desenvolvimento de vários fatores que conduzem à sua deterioração. Dentre os desafios para a melhoria de incertezas da cadeia do frio, há a mitigação de riscos de ruptura da mesma. Sabe-se que há variações inevitáveis das condições de conservação dos produtos durante as etapas da cadeia de frio, as quais causam alteração da vida útil de alimentos perecíveis. Seja no transporte ou nas câmaras frias de armazenagem, há flutuação de temperatura em torno da condição ideal, sendo que ainda hoje, na maioria dos sistemas, o monitoramento da temperatura é realizado por pouquíssimos sensores. Embora poucas tecnologias de monitoração de temperatura sejam utilizadas para inibir os riscos de perda de qualidade e obter a segurança alimentar, estas são utilizadas de forma independente, nos diferentes elos da cadeia logística do frio. Esses desafios têm impulsionado esforços de grupos de pesquisas de países desenvolvidos para o aperfeiçoamento de aplicações de rede de sensores sem fio (RSSF e de identificação por radiofrequência (RFID, com base em dispositivos sensores. Este trabalho aborda aspectos importantes da aplicação destas novas tecnologias, que são capazes de

  16. Soaking curve and effect of temperature on the germination of daisy seeds Curva de embebição e efeito da temperatura na germinação de sementes de margarida

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rogério G Pêgo

    2012-06-01

    Full Text Available The soaking curve and the effect of temperature on the germination of daisy seeds (Chrysanthemum leucanthemum were characterized in this study. To determine the soaking curve, four samples of 0.5 g of seeds were soaked in germitest paper moistened with distilled water and maintained in germinator at 25ºC. The seeds were weighed in periods of 0, 3, 6, 9, 12, 24, 36, 48, 60, 72, 84 and 96 hours using a precision digital balance of 0.0001 g. A triphasic pattern germination curve was adjusted, allowing the determination of the beginning and duration of the phase II of the germination process. The germination test was carried out with four replications of 50 seeds disposed in "Gerbox" boxes and placed in germinators at the temperatures of 20, 25, 30 or 20-30ºC. A completely randomized experimental design was used with four replications of 50 seeds. The data were submitted to the analysis of variance and the averages were compared by the Tukey test, at 5% of probability. For analysis of accumulated seed germination, regressions were adjusted based on period of experiment. The seeds presented a triphasic pattern of germination and the phases I and II lasted 12 and 48 hours, respectively. The best temperature for the germination of the seeds is 25ºC. The temperature of 30ºC promoted the thermoinhibition of germination and increased the dead and dormant seeds and abnormal seedlings.A curva de embebição e o efeito da temperatura sobre a germinação de sementes de margarida (Chrysanthemum leucanthemum foram caracterizados. Para determinar a curva de embebição, quatro amostras de 0,5 g de sementes foram embebidas em papel germitest umedecido com água destilada e mantidas em germinador a 25ºC. As sementes foram pesadas em períodos de 0, 3, 6, 9, 12, 24, 36, 48, 60, 72, 84 e 96 horas, com auxílio de balança de precisão digital de 0,0001 g. Foi ajustada uma curva trifásica padrão de germinação, permitindo a determinação do início e a dura

  17. Caracterização climática da mesorregião do Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba e do entorno da Serra da Canastra (MG)

    OpenAIRE

    Novais, Giuliano Tostes

    2011-01-01

    Para caracterizar e definir climaticamente a mesorregião do Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba e também o entorno da Serra da Canastra, este trabalho foi dividido em três capítulos. A caracterização física da área de estudo foi abordada no Capítulo 1, sendo divida em geologia, geomorfologia, vegetação e hidrografia. O Capítulo 2 é dividido em dois itens, população e atividades econômicas. A caracterização climática da região é abordada no Capítulo 3, sendo que a temperatura ...

  18. Desafío con wssv bajo fluctuaciones de temperatura

    OpenAIRE

    Sonnenholzner, Stanislaus

    2002-01-01

    Desafío con WSSV bajo fluctuaciones de temperatura En trabajos anteriores sobre el efecto de la temperatura del agua sobre la supervivencia del camarón infectado con el virus de la Mancha Blanca, se demostró que una temperatura constante de 33ºC por 8 días genera una respuesta inmune en el camarón correlacionada a una supervivencia superior al 90%, lo cual se tradujo posteriormente en una propuesta práctica de cultivo de camarón en estanques con invernaderos, actualmente en evaluación e...

  19. Aproximación proteómica al estudio de la respuesta diferencial del metabolismo energético al estrés por bajas temperaturas en tomate y pimiento

    OpenAIRE

    Sánchez-Bel, Paloma; Egea, Isabel; Sánchez Ballesta, M. Teresa; Sevillano, Laura; Martínez Madrid, María Concepción; Romojaro Almela, Félix Ramón; Bolarín, María C.; Flores, Francisco B.

    2012-01-01

    Tomate (Solanum lycopersicum) y pimiento (Capsicum annuum), son dos especies hortofrutícolas pertenecientes a la familia Solanaceae susceptibles a sufrir daños por frío cuando se almacenan a bajas temperaturas, lo que afecta seriamente a la calidad de los frutos, siendo causa de importantes pérdidas económicas en el sector agro-alimentario. Una de las principales respuestas celulares al estrés por bajas temperaturas consiste en el mantenimiento de la homeostasis osmótica por la acumulación de...

  20. SINTESE DA FASE SODALITA COM O USO DO CAULIM DA REGIÃO BORBOREMA-SERIDÓ (RN/PB ATIVADO TERMICAMENTE

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cássia Guerra Marques Santos

    2012-10-01

    Full Text Available A fase mineral sodalita foi obtida com sucesso a partir de reações hidrotérmicas com o uso de caulim proveniente da região Borborema-Seridó (RN/PB, hidróxido e carbonato de sódio. Desse modo, o caulim, com granulometria menor que 37 μm, foi tratado inicialmente em diferentes temperaturas. A calcinação foi realizada nas temperaturas de 500, 700 e 900°C com o objetivo de formar a metacaulinita. Os produtos calcinados foram submetidos à síntese hidrotermal por 1 e 4h, no qual foram utilizados Na2CO3 e NaOH. De acordo com os resultados, nos caulins calcinados a 700 e 900°C ocorreu a completa transição de fase da caulinita para a metacaulinita e, para a síntese no qual utilizou o caulim calcinado a 700°C ocorreu a formação da fase zeolítica sodalita básica caracterizada por difração de raios X e espectroscopia vibracional no infravermelho que mostrara picos e bandas intensas e definidas indicando maior cristalinidade do material.

  1. APROPRIAÇÃO INTELECTUAL DA TECNOLOGIA (SOFTWARE E HARDWARE DO CONTROLE DE QUALIDADE DA CADEIA INDUSTRIAL DE MEL

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marcus Vinícius Dantas Linhares

    2018-03-01

    Full Text Available Este trabalho apresenta as propriedades intelectuais resultantes do desenvolvimento do aporte tecnológico, que agrega hardware e software, denomindado BIPP (Bloco Inteligente do Processo de Produção, desenvolvidos com funcionalidades que garantem o registro de dados e características naturais do processo produtivo da cadeia do mel, somado a capacidade de processamento de informações sobre os indicadores que influenciam a sua qualidade, como a cor do mel, umidade relativa do ar, umidade do mel, temperatura ambiente, temperatura de armazenamento e presença de HMF (Hidroximetilfurfural. Portanto, este trabalho documenta as descrições, assim como, os impactos de tais tecnologias, com o objetivo de demonstrar a importância do processamento em Big Data no gerenciamento da cadeia produtiva e, principalmente, prever a iminência dos fatores de risco durante a produção do referido alimento. Os registros de propriedade intelectual foram solicitados juntos ao INPI – Instituto Nacional de Propriedade Intelectual.

  2. Distribuição vertical e horizontal de temperaturas do ar em ambientes protegidos Vertical and horizontal distribution of air temperature in a plastic greenhouse

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Raquel A. Furlan

    2002-04-01

    Full Text Available Este trabalho foi realizado na área experimental do Departamento de Engenharia Rural da Escola Superior de Agricultura "Luiz de Queiroz", Piracicaba, SP, Brasil, em dois ambientes protegidos construídos no sentido leste-oeste, com área total de 112 m² e coberto com plástico (150 micra, tratado contra raios ultravioleta. Para caracterizar a distribuição espacial da temperatura do ar no ambiente protegido, instalaram-se termopares (cobre-constantã formando malhas, com espaçamento horizontal entre eles de 3,0 m e nas alturas de 0,5, 1,0, 2,0, 3,0 e 4,0 m em relação ao solo. Os dados foram armazenados a cada 15 min por sistemas automáticos de aquisição de dados nos ambientes protegidos. O sistema de nebulização constituiu-se de duas linhas com 70 bocais totais, instalados a uma altura de 3,0 m, utilizando-se uma pressão de trabalho de 200 kPa. A nebulização não afetou o gradiente vertical de temperatura, que manteve a tendência de aumento de temperatura com a altura, em relação ao nível do solo, enquanto o efeito na redução de temperatura pelo sistema de nebulização somente foi eficaz durante a realização da mesma. Para a representação da distribuição espacial de temperatura do ar no ambiente protegido nos diferentes níveis de altura, construiu-se superfícies isotérmicas a partir dos resultados. Verifica-se que a nebulização apresentou maior efeito na homogeneização da distribuição de temperatura no ambiente protegido no nível referente a 2,0 m de altura, em relação ao solo.This work was conducted in the experimental area of the Department of Rural Engineering of "Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz", University of São Paulo, Piracicaba, São Paulo, Brazil. Two greenhouses were installed in the east-west direction, with 6.4 m of width, 17.5 m of length and 3.0 m high, with total area of 112 m²; covered by plastic of 150 micra thickness, treated against ultra violet rays. To characterize the

  3. Efeito da variação do ph e da temperatura de síntese no desempenho de adesivos à base de creosoto vegetal desmetilado-formaldeído Effect ph variation and synthesis temperature on the performance of thermosetting adhesive formulations based on demethylated wood creosote-formaldehyde

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Crístian Bacelar Santos

    2003-08-01

    Full Text Available O objetivo deste trabalho foi a produção de adesivos para madeira a partir de creosoto desmetilado. Para isto, foram sintetizadas diferentes formulações de adesivos para madeira a partir de creosoto desmetilado e paraformaldeído, variando-se o pH inicial da formulação (12,00, 12,25, 12,50, 12,75, 13,00, 13,25 e 13,50 e a temperatura de síntese (60 e 70 °C, para possibilitar a verificação dos melhores pHs e da melhor temperatura para elaboração do adesivo. Foi verificado, por meio da avaliação do gel time, que a melhor temperatura de síntese foi 70 °C. Foram realizadas, então, análises por DSC (calorimetria diferencial exploratória, para obtenção dos parâmetros cinéticos e caracterização das formulações adesivas de creosoto desmetilado sintetizadas a 70 °C. Os adesivos foram utilizados para colagem, a quente (160 °C e sob pressão (12 kgf/cm², de lâminas de Araucaria angustifolia. Após a colagem, foram realizados os ensaios de resistência mecânica ao cisalhamento por tração, para condição seca e úmida. Verificou-se que a resistência da linha de cola e a porcentagem de falha na madeira para os adesivos de creosoto desmetilado sintetizados a 70 °C foram inferiores às do adesivo de fenol-formaldeído sintetizado em laboratório, que foi utilizado como padrão.The objective of this work was the production of adhesives based on demethylated creosote for bonding of wood. Different formulations of demethylated wood bcreosote/formaldehyde were evaluated aiming at improving their bonding properties. The initial pH value and the synthesis temperature were varied in order to obtain the best values for producing the adhesives. Thus, seven pH values (12.00, 12.25, 12.50, 12.75, 13.00, 13.25, and 13.50 and two different temperatures (60 °C and 70 °C were applied. It was observed by gel time evaluation that the best synthesis temperature was 70 °C. The kinetic parameters were obtained through DSC analysis

  4. Estabilidade de molho de pequi (Caryocar coriaceum Wittm armazenado à temperatura ambiente

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Joaci Pereira de Souza

    2014-06-01

    Full Text Available Avaliou-se a estabilidade de um molho de pequi durante 300 dias, armazenado à temperatura ambiente (24 ± 2 º C. O fluxograma de elaboração do molho de pequi teve as seguintes etapas: matéria-prima, seleção e lavagem, sanificação, lavagem, descascamento, seleção, cozimento, despolpamento, formulação, tratamento térmico, homogeneização, envase e armazenamento. Foi adotado o delineamento inteiramente casualizado, com 3 repetições, sendo que os 6 períodos de armazenamento (0; 60; 120; 180; 240 e 300 dias constituíram os tratamentos. Os resultados das avaliações das características de qualidade foram submetidos a análises de variância e regressão. Os dados da análise sensorial foram analisados de acordo com a distribuição de frequências. A formulação na proporção de 1:1:1 (polpa + água + ácido acético - vinagre, aliada à adição de sorbato de potássio e tratamento térmico, foi eficaz na manutenção da estabilidade das características de qualidade de molho de pequi por, pelo menos, 300 dias de armazenamento à temperatura ambiente. A aparência e o sabor foram os atributos de melhor aceitação do molho de pequi que também obteve índice satisfatório de intenção de compra. O molho de pequi apresentou condições microbiológicas em conformidade com o estabelecido pela legislação, demonstrando que o processamento efetuado foi efetivo no controle dos microrganismos deteriorantes e patogênicos.

  5. Pós colheita de bananas-maçã submetidas ao 1-MCP e armazenadas á temperatura ambiente Postharvest of 'apple' banana submetted to 1-MCP and storage in room temperature

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ana Carla Marque Pinheiro

    2006-04-01

    Full Text Available Bananas da cultivar Maçã foram adquiridas no estádio dois de coloração da casca (verde maturos e submetidas à ação de 1-MCP. O 1-MCP foi aplicado por 12 horas nas seguintes concentrações: 0 (controle, 50, 100, 150, 200 hL.L-1. Após aplicação, os frutos foram armazenados à temperatura ambiente (temperatura média 20ºC ± 1 e umidade relativa 80% ± 5 e avaliados à medida que atingiam os graus 3, 5 e 7 de coloração da casca. O tratamento com 1-MCP atrasou o início do amadurecimento de bananas-maçã armazenadas sob temperatura ambiente, baseado nas primeiras mudanças de coloração da casca. A aplicação de 1-MCP em bananas-maçã, ditou maiores valores de perda de massa e relação polpa/casca (nos graus 5 e 7 de coloração da casca. O 1-MCP, nas doses 100, 150 e 200 hL.L-1 de 1-MCP promoveu desverdecimento desuniforme e tonalidade avermelhada na casca. O tratamento 50 hL.L-1 de 1-MCP é o mais adequado, por promover a extensão da vida pós-colheita de bananas-maçã da cultivar armazenadas sob temperatura ambiente sem afetar a coloração da casca dos frutos, apresentando qualidade, baseando-se na cor da casca, firmeza, acidez titulável, pH e sólidos solúveis, semelhante ao controle.Mature green 'Apple' bananas were submitted to five concentrations of 1-MCP (0, 50, 100, 150 and 200 hL.L-1 for 12 hours. After treatment, the fruits were stored at room temperature (20ºC ± 1 and 80% ± 5 RH and analyzed at 3,5 and 7 color degree of peel. The treatment with 1-MCP delayed the start of the ripening based in the first changes of peel color. The treatment of 'Apple' bananas with 1-MCP promoted higher values of mass loss and pulp/peel ratio (5 and 7 degrees of color peel. The fruits treated with 100, 150 and 200 nL.L-1 of 1-MCP showed heterogeneous degreening and development of red color on the peel. 1-MCP at 50 nL.L-1 was the most appropriated treatment for promoting the extension of postharvest life of 'Apple' bananas stored

  6. Germinação e vigor de sementes de Crataeva tapia L. em diferentes temperaturas e regimes de luz Germination and vigor of Crataeva tapia L. seeds in different temperatures and light regimes

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Evio Alves Galindo

    2012-03-01

    Full Text Available O comportamento germinativo das sementes de diferentes espécies varia em função da temperatura e luminosidade, o que pode fornecer informações de interesse biológico, ecológico e da tecnologia de sementes, pois muito pouco se conhece com relação às exigências de sementes de espécies tropicais quanto aos diversos fatores envolvidos na germinação. O trabalho foi realizado com o objetivo de avaliar o efeito de diferentes temperaturas e condições de luminosidade sobre a germinação e vigor das sementes de Crataeva tapia L. No Laboratório de Análise de Sementes (LAS, do Centro de Ciências Agrárias, da Universidade Federal da Paraíba (CCA - UFPB, em Areia - PB foram avaliadas a influência das temperaturas de 25 °C; 30 °C e 35 °C constantes e 20-30 °C alternada, sob regimes de luz branca (sem papel celofane, verde (com papel celofane verde, vermelha (com papel celofane vermelho, vermelha-distante (com duas folhas de papel celofane vermelho intercaladas por duas folhas azuis e ausência de luz (com plástico preto, adotando-se o delineamento inteiramente ao acaso, em esquema fatorial 4 x 5 (temperaturas e regimes de luz, em quatro repetições de 25 sementes cada. As características analisadas foram: porcentagem de germinação, primeira contagem de germinação, índice de velocidade de germinação, comprimento e massa seca das plântulas. A temperatura alternada de 20-30 °C, seguida da temperatura constante de 30 °C, podem ser recomendadas para testes de germinação e vigor de sementes de C. tapia. As combinações de temperatura e regimes de luz influenciam o potencial germinativo e o vigor de sementes de Crataeva tapia L.The germination behavior of seeds of different species varies on function of the temperature and luminosity, which can provide information of biological and ecological interest, and technology of seeds, because very little is known with respect to the requirements of seeds of tropical species as the

  7. SULL'AUMENTO DI TEMPERATURA NEL MANTELLO DELLA TERRA PER COMPRESSIONE ADIABATICA

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    P. E. Valle

    1951-06-01

    Full Text Available Viene stabilita una relazione fra la densità, la temperatura e lavelocità delle onde longitudinali e trasversali relativa ad una particolaretrasformazione adiabatica di un solido ideale.L'equazione, applicata al mantello della. Terra, conduce al risultatoche la temperatura in prossimità del nucleo sarebbe circa 1,24volte, la temperatura alla profondità di 1000 km, se la compressionedei materiali fosse avvenuta adiabaticamente.

  8. OCORRÊNCIA E DURAÇÃO DAS TEMPERATURAS MÍNIMAS DIÁRIAS DO AR PREJUDICIAIS À FECUNDAÇÃO DAS FLORES DO ARROZ EM SANTA MARIA, RS: .II - ESTIMATIVA DO NÚMERO DIÁRIO DE HORAS COM TEMPERATURAS BAIXAS

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Valduino Estefanel

    1991-12-01

    Full Text Available O presente trabalho objetivou testar os modelos analíticos utilizados por ANGELOCCI et al (1979, HELDWEIN (1983 e os propostos com ajustes para o verão de Santa Maria (Santa Maria, I, II e III para estimar o número diário de horas com temperatura do ar ≤ 10, 11, 12, 13, 14, 15, 16 e 17,0°C, para os meses de dezembro, Janeiro, fevereiro e março para Santa Maria, RS. A comparação entre os valores obtidos diretamente dos termogramas e os estimados por cinco modelos analíticos (ANGELOCCI et al, 1979; HELDWEIN,1983; Santa Maria I, II e III foi feita em função dos valores médios diários de horas dos dias com temperaturas baixas, coeficientes de determinação, linear e angular da equação de 1° grau entre os valores reais e os estimados. Verifica-se que é possível estimar, com precisão satisfatória, o número diário de horas com temperatura do ar ≤ 17, 16, 15, 14, 13 e 12,0°C, utilizando os modelos analíticos de ANGELOCCI et al (1979 e o Santa Maria III.

  9. Tendências climáticas e produção de uva na região dos Vales da Uva Goethe

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Álvaro José Back

    2012-04-01

    Full Text Available O objetivo deste trabalho foi avaliar tendências nas séries climáticas e nos índices agroclimáticos para o cultivo da videira na região dos Vales da Uva Goethe, em Santa Catarina. A região apresenta clima mesotérmico úmido. Foram utilizados dados de temperatura máxima e mínima do ar, do período de 1924 a 2010, e de precipitação pluvial, de 1955 a 2010. O teste de Mann‑Kendall foi utilizado para avaliar a tendência nas séries, cuja magnitude foi estimada pela declividade mediana determinada pelo teste de Theil-Sen. Foi observada tendência de aumento nas séries de temperatura mínima do ar, em escala anual, bem como nas estações do ano. Quanto à temperatura máxima, somente houve tendência de aumento na série de verão. Em relação aos índices agrometeorológicos, foi observada tendência de diminuição do número de geadas, diminuição do período entre a brotação e a colheita, aumento da soma térmica e dos índices de Huglin e de frio. Foram evidenciadas tendências de aumento da precipitação pluvial total anual e da precipitação no período de crescimento da videira, bem como aumento do número de dias, com chuva igual ou superior a 20 mm, e aumento na temperatura mínima e noturna.

  10. USO DE REDES NEURAIS ARTIFICIAIS PARA A ESTIMATIVA DAS TEMPERATURAS DO AR MÉDIAS, MÁXIMAS E MÁNIMAS, MENSAIS E ANUAIS NO ESTADO DO ESPÍRITO SANTO

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Kennedy Ribeiro da Silva

    2010-08-01

    Full Text Available O conhecimento da temperatura do ar é fundamental para a condução de estudos de planejamento agrícola, de uso do solo, de classificação ecológica, e de zoneamentos de aptidão climática das culturas. O objetivo do trabalho é desenvolver RNA’s capazes de prover estimativas das temperaturas do ar mínimas, médias e máximas, em escalas mensais e anuais. A área de estudo compreende o estado do Espírito Santo, localizado na região sudeste do Brasil. As RNA’s desenvolvidas, no geral, não apresentaram bom desempenho. Na distribuição térmica para o estado do Espírito Santo pode se verificar que as temperaturas médias variaram entre 15 ºC e 27ºC, com maiores temperaturas máximas nas regiões norte e litorânea. Com relação às temperaturas mínimas, verifica-se que houve grande variação entre a região litorânea e a região serrana demonstrando valores entre 12ºC e 21ºC.

  11. Cinética da degradação de carotenoides e da alteração de cor do azeite de pequi submetido ao aquecimento em temperatura de fritura

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Mara Lina Rodrigues

    2013-08-01

    Full Text Available O azeite de pequi possui coloração vermelho-alaranjada devido à presença de carotenoides. Possíveis alterações químicas nesses compostos durante o processamento podem influenciar em modificações físicas do produto que ocorrem quando este é submetido ao aquecimento. Este estudo teve como objetivo utilizar parâmetros cinéticos para avaliar a degradação de carotenoides e a alteração de cor do azeite de pequi submetido ao aquecimento em temperatura de fritura. Para avaliar o efeito do aquecimento, o azeite de pequi foi tratado termicamente a 180°C em intervalo crescente de 10 minutos até uma hora de aquecimento. Realizaram-se as análises de carotenoides totais e cor e com esses resultados determinaram-se os parâmetros cinéticos. Ao longo do aquecimento, o teor de carotenoides foi praticamente todo degradado e consequentemente a cor foi bastante alterada. A cinética de degradação dos carotenoides foi de primeira ordem e da alteração de cor foi de ordem zero. Essas cinéticas refletiram as observações visuais das amostras do azeite de pequi obtidas depois de cada tratamento.

  12. DISTRIBUIÇÃO ESPAÇO-TEMPORAL DA RÃ INVASORA, Lithobates catesbeianus (ANURA, RANIDAE (SHAW, 1802 EM DOIS REMANESCENTES FLORESTAIS DA MATA ATLÂNTICA NO SUL DO BRASIL

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Jackson Fábio Preuss

    2017-06-01

    Full Text Available A rã-touro (Lithobates catesbeianus é a mais notória espécie de anuro invasora. Foi introduzida no Brasil visando à criação comercial. Escapes acidentais e solturas têm favorecido a ocorrência desta espécie em ambientes naturais. O objetivo deste trabalho foi a avaliar a distribuição temporal e espacial da rã-touro, Lithobates catesbeianus em ambientes naturais. Entre novembro de 2014 e outubro de 2015 realizamos coletas noturnas em seis ambientes aquáticos de dois remanescentes florestais de Mata Atlântica, localizados no oeste do estado de Santa Catarina, Brasil. Durante esse período registramos o número de indivíduos em atividade, para a descrição física do habitat foi registrado o tipo de ambiente aquático, e para descrição do habitat registrou-se os parâmetros físicos da água/ambiente (temperatura da água, pH, temperatura do ar, pluviosidade e umidade relativa do ar. Foram registrados um total de 126 indivíduos, sendo 105 adultos e 21 juvenis. A rã touro foi registrada em atividade durante todo o período de estudo, utilizando corpos d’água lênticos e permanentes (lagoas, charcos e riachos. A espécie foi encontrada em todos os meses amostrados, sendo mais frequente no período de maiores temperaturas (dezembro; N= 31. A abundância foi relacionada significativamente à temperatura média da água (R2 = 0,62; p = 0,0013; N = 98. Entretanto, independente dos parâmetros físicos/ambientais investigados, esta espécie pode ser encontrada em todos os habitats investigados. No presente estudo, Lithobates catesbeianus apresentou alto grau de tolerância em ambientes naturais o qual evidencia-se como um fator negativo a biodiversidade local. Palavras-chave: rã-touro, ambientes naturais, fator negativo.

  13. ESTUDO DA SECAGEM DA FIBRA RESIDUAL DO ABACAXI

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    T. G. M. WAUGHON

    2009-01-01

    Full Text Available

    O objetivo deste trabalho foi caracterizar o resíduo fibroso gerado na industrialização do suco de abacaxi (Ananas comosus L. e estudar seu beneficiamento, através da secagem, visando obter um produto rico em fibras dietéticas. O resíduo caracterizado apresentou um elevado teor de fibras (32,95% b.s.. A secagem foi realizada em secador de leito fixo, em camada delgada, utilizando planejamento fatorial completo a três níveis, com triplicata no ponto central. As variáveis de entrada foram: temperatura (50 ºC, 60 ºC e 70ºC e velocidade de circulação do ar (2,0 m/s; 2,5 m/s e 3,0 m/s. As variáveis de resposta avaliadas foram: umidade de equilíbrio, tempo de secagem, taxa de secagem à velocidade constante e coloração do produto. Os resultados obtidos através da análise de variância mostraram que a temperatura foi a variável de entrada que apresentou maior influência sobre as variáveis de resposta analisadas, não exercendo influência significativa apenas sobre a cor do produto.

  14. Comparação de Modelos Matemáticos da Cinética de Secagem de cascas de Manga Espada

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Anastácia Maria Mikaella Campos Nóbrega André

    2014-07-01

    Full Text Available A transformação das cascas da manga em farinha pode ser um processo viabilizador e propulsor, devido à praticidade de uso, redução da perecibilidade e do volume a ser transportado, com isto pesquisas envolvendo métodos de obtenção da mesma são necessárias. Objetivou-se neste estudo secar cascas de manga espada pré tratadas osmoticamente nas concentrações de 45, 55 e 65 °Brix, e secador de ar aquecido nas temperaturas de 50, 60 e 70 °C. As cascas da manga da variedade espada foram imersas em soluções de sacarose de 40°, 45° e 50°Brix na proporção de 1:4 (g/g fruto/xarope por um período de 4 horas a temperatura ambiente média de 28 °C. As amostras desidratadas foram acondicionadas em cestas pré identificadas e levadas para um secador com circulação forçada de ar nas temperaturas 50, 60 e 70°C em três repetições, para descrição da cinética de secagem foram utilizados os modelos de regressão não linear propostos por Henderson & Pabis, Lewis, Logaritmo e Page. Utilizando - se a análise de regressão não-linear, pelo método Quasi-Newton, as curvas de secagem obtidas experimentalmente foram ajustadas por meio do programa computacional Statistica versão 7.0. Dentre os modelos de secagem estudados, o proposto por Lewis se ajusta satisfatoriamente às curvas de secagem obtidas experimentalmente, a temperatura de secagem é fortemente influenciada na cinética, com o menor tempo a 70ºC e o maior a 50°C.

  15. Aquecimento e resfriamento da água, aproximados à forma real

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Reynaldo Lopes de Oliveira Jr.

    2016-04-01

    Full Text Available http://dx.doi.org/10.5007/2175-7941.2016v33n1p306 O objetivo deste trabalho é mostrar que quando não fazemos muitas simplificações em uma demonstração experimental de calorimetria, podemos levantar em sala de aula questões interessantes. Se aquecermos, com um ebulidor de imersão, uma porção não muito grande de água, observaremos que a temperatura da água continuará aumentando mesmo depois do desligamento da fonte térmica. Se desligamos o ebulidor, que é a fonte de energia térmica deste sistema, como pode a temperatura da água continuar subindo? Esta foi a questão geradora deste trabalho. A partir desta questão e dos dados experimentais coletados no laboratório, elaboramos um modelo matemático que explicasse os dados obtidos. Esta investigação ocorreu em um grupo de seis alunos do ensino médio mediados por um professor de física.

  16. Efeito da temperatura interpasse na microestrutura, tenacidade ao impacto e propagação de trinca por fadiga de uniões soldadas por GTAW do aço ASTM A743-CA6NM Interpass temperature influence on the microstructure, impact toughness and fatigue crack propagation in ASTM A743-CA6NM GTAW welded joints

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ruimar Rubens de Gouveia

    2013-06-01

    Full Text Available Atualmente os aços inoxidáveis martensíticos tem sido utilizados para a fabricação de turbinas hidráulicas, devido principalmente a sua elevada tenacidade. Entretanto, estes aços apresentam algumas restrições com relação à regiões recuperadas por soldagem, principalmente em razão da formação de martensita não revenida, a qual gera redução na tenacidade. Considerando as aplicações de reparo de turbinas hidráulicas, há grande interesse em desenvolver procedimentos de soldagem que elevem a tenacidade ao impacto e evitem os tratamentos térmicos pós-soldagem (TTPS. O presente trabalho busca analisar a influência da temperatura de interpasse na microestrutura, tenacidade ao impacto e propagação de trincas por fadiga nas uniões soldadas multipasse do aço inoxidável martensitico CA6NM usando AWS410NiMo como metal de adição, e processo TIG (tungsten inert gas. Observou-se a influência da temperatura de interpasse na formação de ferrita d, com formação intergranular no campo bifásico δ+γ, na amostra com temperatura interpasse de 80ºC, enquanto que na amostra soldada a 150ºC a formação de ferrita d ocorreu principalmente no campo monofásico. A alteração na formação da ferrita d, com a menor temperatura, promoveu um aumento na tenacidade ao impacto e uma diminuição na velocidade de propagação de trinca, quando comparada com a amostra soldada com maior temperatura de soldagem. Os resultados obtidos indicam que o processo TIG apresenta-se como uma excelente alternativa para o reparo do aço CA6NM, observando-se também uma influência significativa da temperatura de interpasse.Martensitic stainless steels have been used for hydraulic turbines manufacturing, because its high toughness. However, these steels have some restrictions regarding regions recovered by welding, mainly by non-tempered martensite formation, promoting toughness reduction. Concerning hydraulic turbine repairs, there is a great interest

  17. Temperaturas extremas en verano. Implicaciones en salud

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Julio Díaz Jiménez

    2005-12-01

    Full Text Available El incremento que se ha detectado en las temperaturas estivales en los últimos años, unido las tendencias que se esperan para el clima durante el próximo siglo, hacen prever un aumento en la frecuencia e intensidad de los eventos térmicos extremos, fundamentalmente olas de calor. La clara relación existente entre la temperatura y la mortalidad, hace necesaria una cuantificación para la caracterización de los efectos esperados de la temperatura sobre la mortalidad en las denominadas olas de calor.En este trabajo se presenta una descripción del estado del conocimiento de este problema, haciendo especial referencia a la ola de calor que asoló Europa en el verano de 2003, de cómo se han caracterizado las olas de calor y en base a ello de cuáles son las características que han de tener los planes de alerta y prevención encaminados a minimizar los efectos del calor sobre la salud de la población.

  18. Receptividade do estigma e desenvolvimento do tubo polínico em flores de pessegueiro submetidas à temperatura elevada Stigma receptivity and pollen tube development in peach flowers submitted to high temperature

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ilisandra Zanandrea

    2011-12-01

    Full Text Available Dentre os diversos fatores que afetam a produtividade do pessegueiro em regiões subtropicais, está a ocorrência de temperaturas elevadas no início da floração. Tais temperaturas podem causar danos ao estigma e à germinação do grão de pólen, ocasionando decréscimo na fecundação e na fixação dos frutos. O presente trabalho teve por objetivo detectar diferenças entre genótipos quanto à tolerância à temperatura elevada (29±2ºC, bem como verificar se tais diferenças poderiam ser detectadas por um processo simples, utilizando ramos destacados. Para isso, foram realizados dois experimentos, sendo um com ramos destacados e outro com plantas inteiras em vasos, obtidas por enxertia, no outono. As estimativas de graus de receptividade do estigma e de comprimento do tubo polínico nos ramos destacados sugerem que as seleções Conserva 1566 e Conserva 693 e a cv. 'Maciel' não sofrem negativamente influência da temperatura de 29°C. A receptividade do estigma, mesmo em ramos destacados, pode discriminar os genótipos quanto à tolerância da parte feminina a temperaturas próximas a 29°C.Several factors can cause an erratic production of peaches under subtropical conditions. The occurrence of high temperatures on the beginning of blooming is one of them. Such temperatures can damage the stigma and the pollen germination, causing a decrease on fecundation and fruit set. The present work had the objective of looking for differences in tolerance to 29±2ºC among peach genotypes, as well as checking if a simple method using detached twigs would be suitable to detect differences. Two experiments were conducted using whole plants in vase, on one and detached twigs on the other. Estimates of pollen tube growth on the pistil and stigma receptivity suggested that selections Conserva 1566 and Conserva 693 and cv. 'Maciel' were tolerant to temperatures around 29°C at begining of blooming. Stigma receptivity, even in detached twigs, showed

  19. Influência da baixa temperatura ambiental sobre a atividade fagocítica de troinbócitos de rã touro gigante (Rana catesbeiana

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marcelo De Luca Penha

    1996-03-01

    que o frio foi capaz de modular significativamente a capacidade fagocítica dos trombócitos. Animais tratados e mantidos a 6°C exibiram uma lenta atividade inicial à 1h (16,3 ± 4,3; resultados expressos como média desvio padrão de trombócitos positivos em 400 células analisadas/animal; n=6, que aumentou discretamente às 6h e 12h (45,8 ± 12,2; 55,5 ± 9,6, alcançando o máximo de reação aos 3d e 7d (80,3 ± 27,5; 78,3 ± 29,5. Por outro lado, rãs mantidas a 24°C apresentaram uma forte resposta inicial à 1h (90,0 ± 16,7, aumentando marcadamente até 1d (196,0 ± 49,8, e então diminuindo até 7d (56,0 ± 10,6. Os resultados obtidos suportam estudos prévios que demonstram a importância da temperatura ambiental sobre múltiplos processos relativos aos mecanismos de defesa desses animais.

  20. Impacto da Conversão da Cobertura Natural em Pastagem e Área Urbana sobre Variáveis Biofísicas no Sul do Amazonas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Vagner Marques Pavão

    Full Text Available Resumo A substituição da cobertura natural por áreas de pastagem afeta o albedo superficial, que por sua vez influencia no saldo de radiação e na temperatura superficial. Assim, o objetivo desse trabalho foi avaliar os impactos do desmatamento sobre variáveis biofísicas no município de Apuí-AM, por imagens Landsat 5 TM (Thematic Mapper. As imagens utilizadas nesse estudo foram fornecidas pelo Serviço Geológico dos Estados Unidos (USGS. A imagem de 20/07/2010 foi processada por etapas intermediárias do SEBAL (Surface Energy Balance Algorithm for Land. O desmatamento no município de Apuí aumentou em 20% nos últimos 20 anos analisados. O NDVI da Floresta foi 20 e 43% maior que da pastagem e da área urbana, respectivamente. O albedo da superfície na pastagem e na área urbana foram 16% maiores que na área de Floresta e a temperatura de brilho da superfície na pastagem e na área urbana foram 16 e 10% maiores que na área de Floresta, respectivamente. O Rn na área de Floresta foi 8% e 6% maior que na área urbana e na pastagem, respectivamente. Portanto, a conversão da Floresta Amazônica modifica o balanço de radiação com maior disponibilidade de calor sensível da superfície nas áreas de pastagem e urbana.

  1. USO DE REDES NEURAIS ARTIFICIAIS PARA A ESTIMATIVA DAS TEMPERATURAS DO AR MÉDIAS, MÁXIMAS E MÁNIMAS, MENSAIS E ANUAIS NO ESTADO DO ESPÍRITO SANTO

    OpenAIRE

    Kennedy Ribeiro da Silva; Roberto Avelino Cecílio

    2010-01-01

    O conhecimento da temperatura do ar é fundamental para a condução de estudos de planejamento agrícola, de uso do solo, de classificação ecológica, e de zoneamentos de aptidão climática das culturas. O objetivo do trabalho é desenvolver RNA’s capazes de prover estimativas das temperaturas do ar mínimas, médias e máximas, em escalas mensais e anuais. A área de estudo compreende o estado do Espírito Santo, localizado na região sudeste do Brasil. As RNA’s desenvolvidas, no geral, não apresentaram...

  2. ARMAZENAMENTO DE MAÇÃS 'ROYAL GALA' SOB DIFERENTES TEMPERATURAS E PRESSÕES PARCIAIS DE OXIGÊNIO E GÁS CARBÔNICO STORAGE OF 'ROYAL GALA' APPLE UNDER DIFFERENT TEMPERATURES AND CARBON DIOXIDE AND OXYGEN PARTIAL PRESSURE

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    AURI BRACKMANN

    2001-12-01

    Full Text Available O experimento foi conduzido com o objetivo de avaliar o efeito da temperatura de armazenamento e condições de atmosfera controlada sobre a manutenção da qualidade da maçã cv. Royal Gala. O delineamento experimental utilizado foi o inteiramente casualizado, arranjado em um esquema bifatorial, com 4 repetições e a amostra composta por 25 frutos. Os oito tratamentos originaram-se da combinação de dois níveis do fator temperatura (-0.5ºC e 0ºC com quatro níveis do fator condição de atmosfera controlada (1kPa O2/2kPa CO2, 1,2kPa O2/2kPa CO2, 1kPa de O2/3kPa CO2 e 1,2kPa O2/3kPa CO2. As avaliações foram realizadas após nove meses de armazenamento, na abertura das câmaras, e após sete dias de exposição dos frutos à temperatura de 20ºC. De acordo com os resultados obtidos, as temperaturas testadas não diferiram estatisticamente com relação à acidez titulável na saída da câmara, sendo que a melhor combinação de gases foi 1,2 kPa de O2 e 2 kPa de CO2. Já após sete dias de armazenamento a 0ºC, não houve diferença estatística com relação à concentração de gases. A temperatura de 0ºC apresentou maior firmeza de polpa, menor incidência de frutos com polpa farinhenta e degenerescência da polpa após sete dias a 20ºC. A combinação de gases 1,0kPa de O2 e 2 e 3 kPa de CO2 apresentou melhor manutenção da acidez titulável e menores valores de ocorrência de podridões e distúrbios fisiológicos. Concluiu-se que a melhor temperatura de armazenamento para a cv. Royal Gala é de 0(0C e a melhor combinação de gases é de 1kPa de O2 e 2 e 3 kPa de CO2.This work was conducted to evaluate the effect of temperature and CA storage conditions on the quality of 'Royal Gala' apples. The experiemtal desig was completely randomized with 4 replications of 25 fruits. Evaluated temperatures were --0,5ºC and 0ºC combined with following O2 and CO2 partial pressures: 1kPa O2/ 2kPa CO2, 1,2kPa O2/ 2kPa CO2, 1kPa O2/ 3 kPa CO2

  3. Effect of temperature and time immersion of stage soaking on color grains of upland rice parboiled cultivars/ Efeito da temperatura e do tempo de imersão da etapa de encharcamento sobre a cor dos grãos de arroz parboilizado de cultivares de terras altas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Priscila Zaczuk Bassinelo

    Full Text Available The parboiling is the hydrothermal treatment of paddy before processing. The objective of this study was to evaluate the influence of the temperature and immersion time step of soaking (independent variables on the color of the grain parboiled (dependent variable cultivars of upland rice (BRS Primavera and BRS Sertaneja. A central composite rotational design (DCCR was used, which includes a 22 full factorial, three replicates at the center point and four axial points, making eleven treatments. It was considered for the selection of hydrothermal conditions to be studied, the criterion of water absorption in the age group from 28% - 32%. In extreme conditions of soaking (high temperature and immersion time was observed in general that the grains of parboiled rice had higher color difference for the samples of grains of white rice. Therefore, the use of temperatures below 65 °C during the soaking tend to have grains with milder browning. After parboiling under different conditions of temperature and time of soaking, the change of color (?E* was greater in cv. BRS Sertaneja. It is possible to produce grains with different shades, depending on the conditions used. The choice will depend on the application that is intended or products in wich the rice will be employed.A parboilização consiste no tratamento hidrotérmico do arroz em casca antes do beneficiamento. O objetivo deste estudo foi avaliar a influência das variáveis temperatura e tempo de imersão da etapa de encharcamento sobre a cor dos grãos parboilizados de cultivares de arroz de terras altas (BRS Primavera e BRS Sertaneja. Utilizou-se um delineamento composto central rotacional (DCCR, que inclui um fatorial completo 22, mais três repetições no ponto central e quatro pontos axiais, totalizando onze tratamentos. Considerou-se para seleção das condições hidrotérmicas, o critério de absorção de água na faixa de 28% – 32%. Nas condições extremas do encharcamento (elevada

  4. O tempo e a anestesia obstétrica: da cosmologia caótica à cronobiologia El tiempo y la anestesia obstétrica: de la cosmología caótica a la cronobiología Time and obstetric anesthesia: from chaotic cosmology to chronobiology

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Nilton Bezerra do Vale

    2009-10-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: Ciclos temporais (claro/escuro; nascer/morrer, etc. ao lado de condições ambientais (sincronizadores influenciam a fisiologia do parto em função da existência de relógios endógenos (osciladores que interagem com pistas sociais diuturnas. Nesta revisão foram ordenados os parâmetros anestésico-obstétricos cíclicos mais importantes no atendimento à parturiente. CONTEÚDO: Análise cronobiológica dos principais eventos da fisiopatologia obstétrica da Mulier sapiens: I Período da embriogênese - risco de teratogênese; II Da prematuridade ao pósdatismo: do parto eutócico à cerclagem uterina; III A noite e o parto: maior incidência noturna do parto (facilitação fisiológica e diurna da cesariana (opção do obstetra; IV A lua e o parto - resultado não conclusivo; V plantão noturno na Anestesia Obstétrica: contingência profissional de mais riscos; VI Tempos da cesariana: retirada fetal: tempo UD (uterotomy - delivery o mais curto possível; correção eficaz de hipotensão arterial e valorizar o tempo de jejum pré-anestésico; VII Variação circadiana da distócia: dor; contração uterina; perda sanguínea; hipertensão arterial sistêmica (HAS; risco de alergia e asma brônquica. Na fase noturna há maior intensidade de contração e maiores riscos de hemorragia, de alergia e de asma. Em contraponto, há ausência de variação circadiana da HAS na eclâmpsia; VIII Cronofarmacologia obstétrica: anestésicos locais, analgésicos, hipnóticos, anestésicos gerais e bloqueadores neuromusculares. A cronergia explica o pico analgésico matinal dos opioides, vespertino dos anestésicos locais e noturno dos anestésicos gerais inalatórios. CONCLUSÕES: A abordagem cronobiológica do atendimento anestésico ao parto na maternidade enfatiza a importância obstétrica da ritmicidade circadiana na humanização e segurança do parto.JUSTIFICATIVA Y OBJETIVOS: Ciclos temporales (claro/oscuro; nacer

  5. Hidrólise da uréia em latossolos: efeito da concentração de uréia, temperatura, pH, armazenamento e tempo de incubação Urea hydrolysis in oxisols: effects of substrate concentration, temperature, pH, incubation time and storage conditions

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Regina Marcia Longo

    2005-07-01

    Full Text Available Este trabalho objetivou estudar a velocidade de hidrólise da uréia em dois diferentes solos brasileiros (Latossolo Vermelho Aluminoférrico típico e Latossolo Vermelho distrófico típico onde foram realizados ensaios sobre o efeito do tempo e condições de armazenamento, concentração do substrato (uréia, temperatura, pH e tempo de incubação sobre a atividade da urease. As melhores condições de armazenamento foram em temperatura ambiente ou 5 ºC, após secagem ao ar, por um período de até 7 dias; para as condições estudadas, o melhor tempo de incubação foi de uma hora a 25-30 ºC, sem a utilização de tampão para acertar o pH, e a concentração de uréia suficiente foi de 3,30 g L-1, para o Latossolo Vermelho Aluminoférrico típico, e de 2,5 g L-1, para o Latossolo Vermelho distrófico típico para obter a velocidade máxima da enzima.This study evaluated the kinetics of urease hydrolysis in two different Brazilian soils (Rhodic Oxisols: a typic alumino-ferric Red Latossol and a typic distrophic Red Latosol. The trials were carried out to study the effects of air drying, soil sampling, storage conditions and temperature, pH, time of incubation, and substrate concentration on the urease activity. Results showed that best conditions for soil sample storage after air-drying for a 7-day period were at room temperature or at a temperature of 5 ºC. For the studied conditions the best incubation time was one hour at 25-30 ºC, without pH buffering. The ideal urea concentration suggested for the detection of the maximum velocity was 3.3 g L-1 for the typic alumino-ferric Red Latossol and 2.5 g L-1 for the typic distrophic Red Latosol.

  6. Morfometria da mucosa duodenal em frangos de corte submetidos à temperatura ambiente cíclica elevada Intestinal morphometry of the duodenal mucosa in broiler chickens underwent to high cyclic environment temperature

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    C.F.P. Marchini

    2009-04-01

    Full Text Available Os efeitos da temperatura ambiente cíclica elevada sobre a morfometria da mucosa duodenal e o peso corporal em frangos de corte foram avaliados. Setenta pintos de corte, machos, foram alojados em gaiolas e distribuídos em dois grupos. Um grupo foi submetido diariamente, durante uma hora, à temperatura ambiente cíclica elevada do primeiro até o 42º dia de idade (ambiente ST; e outro foi mantido em conforto térmico (ambiente TN. Cinco frangos de cada grupo foram sacrificados, semanalmente, por deslocamento cervical para mensuração da altura de vilosidades (VI, profundidade das criptas (CR e relação vilo/cripta (VI/CR duodenal. Dez aves de cada grupo foram pesadas semanalmente em balança digital. Utilizou-se delineamento inteiramente ao acaso em esquema fatorial 7x2 (sete idades: um, sete, 14, 21, 28, 35 e 42 dias, e dois ambientes: ST e TN. Os ambientes foram comparados pelo teste de Fisher (PThe effects of high cyclic environment temperature on body weight and morphometry of the duodenal mucosa in broiler chicken were evaluated. Seventy one-day-old male broiler chicks were sheltered in cages and distributed in two groups. One group was daily exposed to high cyclic environment temperature for an hour, from hatching to 42 days of age (group ST, the other one was kept under thermoneutral conditions (group TN. Five chickens of each group were weekly slaughtered by cervical delocation to mesure the villosities height (VI, crypts depth (CR, and villo/crypt ratio (VI/ CR in the duodenum. Ten chickens of each group were weighted weekly on a digital balance. A completely randomized experimental design in a 7x2 factorial arrangement (hatching, seven, 14, 21, 28, 35, and 42 days of age and two environments: ST and TN. The environments were compared by Fisher test (P<0.05 and the effects of days of life by polynomial regression. The ST group had reduction in VI at 14 and 21 days of age (P<0.01, CR at 28 days of age (P<0.05, and in VI/CR at 21

  7. Influência da temperatura na reprodução e longevidade do predador Orius thyestes Herring (Hemiptera, Anthocoridae Influence of the temperature on reproduction and longevity of the predator Orius thyestes Herring (Hemiptera, Anthocoridae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Lívia Mendes Carvalho

    2005-09-01

    Full Text Available O desenvolvimento e a fecundidade das espécies de Orius são bastante influenciados por uma série de fatores, como as condições ambientais, e em particular, pela temperatura. Esse trabalho teve como objetivo avaliar a reprodução e a longevidade de Orius thyestes Herring 1966 em diferentes temperaturas, tendo como alimento, ovos de Anagasta kuehniella (Zeller, 1879. O experimento foi conduzido em câmaras climatizadas com temperaturas de 16, 19, 22, 25, 28, 31 ± 1ºC, UR de 70±10% e fotofase de 12horas. Efeito deletério da temperatura em O. thyestes foi obtido a 16ºC, na qual apenas 40% das ninfas atingiram a fase adulta, e destes apenas 19% não apresentaram deformações morfológicas. O maior período de pré-oviposição foi observado a 19ºC (17,8 dias. Os maiores valores para a fecundidade média total foram registrados a 25 e 28ºC, com 109,2 e 128,2 ovos/fêmea, respectivamente, e o menor a 19ºC, com 22,8 ovos/fêmea. A 22 e 31ºC as fêmeas viveram mais que os machos, sendo que a 19ºC a longevidade foi maior, independente do sexo. As baixas temperaturas influenciaram a reprodução e longevidade de O. thyestes sugerindo que esta espécie poderá ter melhor performance reprodutiva em temperaturas mais elevadas, como aquelas de regiões tropicais e ou subtropicais.The development time and the fecundity of Orius species are strongly influenced by a wide range of factors, like environmental conditions and in particular temperature. This work aimed to evaluate the reproduction and adult longevity of Orius thyestes Herring, 1966 in different temperatures. Eggs of Anagasta kuehniella (Zeller, 1879 was provide as food supply. The experiment was carried out in climatic chambers at temperatures 16, 19, 22, 25, 28 and 31 ± 1°C, RH 70 ±10% and photophase 12h. A deleterious effect of the temperature on O. thyestes was found at 16°C, in which only 40% of the nymphs reached adulthood, of which only 19% presented normal morphological

  8. INFLUENCIA DE LA TEMPERATURA EN EL COMPORTAMIENTO ALIMENTARIO DE Peltocephalus dumerilianus (TESTUDINES PODOCNEMIDAE

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Alejandro De La Ossa L

    2009-04-01

    Full Text Available Objetivo. Analizar los comportamientos de alimentación bajo diferentes condiciones de temperatura en un grupo de neonatos de Peltocephalus dumerilianus (Testudines Podocnemididae. Materiales y Métodos. Los individuos experimentales fueron obtenidos mediante incubación en el laboratorio, se dividieron en 5 grupos al azar. Durante 2 meses con tres repeticiones a la semana se hicieron pruebas de temperatura utilizando dentro de las bandejas calentadores eléctricos, con registro continuo de temperatura mediante termómetro digital - 10 a + 60ºC (± 0.1ºC, procurando mantener un ritmo constante de incremento equivalente a 0,25ºC cada 10 minutos, hasta llegar a la temperatura seleccionada, que fue mantenida por 60 minutos en cada ensayo. Las temperaturas seleccionadas para cada ensayo, fueron: 26ºC, 30ºC, 34ºC, 38ºC y ambiente que fue de 26,8ºC en promedio. Fueron evaluados los siguientes parámetros: duración en minutos de la ingesta, tiempo de inicio de comportamientos agonísticos, presencia de dos tipos de despliegues característicos: morder y disputa por alimento. Resultados. En general todos los parámetros fueron significativos, a mayor temperatura el tiempo de ingestión fue mayor, a menor temperatura el volumen de consumo fue menor, a menor temperatura el inicio de los despliegues agonísticos fue mayor y se mantuvo una relación inversamente proporcional. Conclusiones. Los resultados mostraron que existe relación directamente proporcional entre la temperatura ambiental y los procesos de alimentación, además que se relacionaron con aspectos básicos del comportamiento lo cual se manifestó en los despliegues agonísticos observados.

  9. Comportamento estomático e potencial da água da folha em três espécies lenhosas cultivadas sob estresse hídrico

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Silva Elizamar Ciríaco da

    2003-01-01

    Full Text Available Com o objetivo de avaliar o comportamento estomático e o potencial da água da folha em plantas jovens de Mimosa caesalpiniifolia, Enterolobium contortisiliquum e Tabebuia aurea submetidas a estresse hídrico, desenvolveu-se um experimento em casa de vegetação no Laboratório de Fisiologia Vegetal da UFRPE. As plântulas foram submetidas a dois tratamentos hídricos (100% da CP e 50% da CP e aos 5¹, 7, 13 e 22 dias de estresse hídrico, foram avaliadas a transpiração (E, a resistência difusiva (Rs, a temperatura da folha (Tfol, a temperatura do ar (Tar, umidade relativa do ar (UR, a radiação fotossinteticamente ativa (PAR e o déficit de pressão de vapor (DPV às 7h, 9h, 12h e 15h. Após 30 dias de estresse, foi medido o potencial da água da folha (Yw entre 9-10 horas. Os maiores valores de E foram registrados entre 9-12h para todas as espécies, sendo mais baixos nas plantas estressadas. O oposto foi verificado para Rs, com diferenças na magnitude dos valores entre espécies e horários de avaliação. A Rs das plantas estressadas de E. contortisiliquum foi influenciada pela Tar e de M. caesalpiniifolia pela UR e PAR. O Yw decresceu com o estresse, com reduções de até 155%. A Tfol não se mostrou bom indicador dos efeitos do estresse hídrico sobre as espécies.

  10. Propriedades energéticas da madeira e do carvão de paricá (Schizolobium amazonicum

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Graziela Baptista Vidaurre

    2012-04-01

    Full Text Available O objetivo deste trabalho foi avaliar o potencial energético da madeira e do carvão de Schizolobium amazonicum (paricá. As árvores foram coletadas na região de Dom Eliseu, PA,nas idades de 5, 7, 9 e 11 anos, e seccionadas em quatro toras de 2,7 m cada. Pela análise termogravimétrica da madeira, determinou-se a perda de massa em função da temperatura. O poder calorífico superior foi obtido de acordo com a norma NBR-8633. Determinaram-se, ainda, o rendimento gravimétrico em carvão e sua composição química imediata. Observou-se efeito significativo da idade e da posição no tronco apenas na faixa de temperatura entre 300 e 400 ºC. O poder calorífico da madeira foi afetado pela idade das árvores, sendo o maior valor observado aos 5 anos. O rendimento gravimétrico e a composição química imediata do carvão vegetal não foram afetados pela idade.

  11. Temperatura e embalagem para abóbora minimamente processada Temperature and packaging of minimally processed pumpkin (Curcubita moschata

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ana Veruska Cruzda Silva

    2009-06-01

    Full Text Available O objetivo deste trabalho foi avaliar temperaturas de armazenamento e embalagens para abóbora minimamente processada. Pedaços de abóbora foram cortados em tamanho de 5 x 10 cm, embalados em bandejas de poliestireno recobertas com filme polivinilcloreto e em embalagem de polietileno de alta densidade a vácuo. O produto foi mantido a 5 e 10 °C por um período de 12 dias. A cada três dias avaliou-se o teor de sólidos solúveis, acidez total titulável, pH, vitamina C e coloração. Os resultados mostraram não haver diferenças significativas entre as duas temperaturas de refrigeração utilizadas na conservação da abóbora. Entretanto, a embalagem com filme PVC permitiu maior conservação dos atributos de qualidade da abóbora até o 9º dia, com exceção da cor, que sofreu menores alterações quando usada embalagem a vácuo.The present work aimed to evaluate the efficiency of different storage temperatures and packing materials for pumpkin fresh cuts. Pumpkin cuts of 5 x 10 cm were packed in polystyrene trays covered with polivynilchloride film or in vacuum high density polyethylene bags. The trays and bags were kept at 5 and 10 °C for 12 days. Soluble solids, total titratable acidity, pH, vitamin C, and color of pumpkin cuts were evaluated every 3 days. The different temperatures did not affect the storage of the pumpkins. However, packaging with PVC film allowed a longer conservation by keeping the pumpkin quality attributes up to the 9th day, except for the color which undergone minor alterations when stored within a vacuum pack.

  12. Correlação entre as Temperaturas da Superfície do Mar e a quantidade da precipitação na estação chuvosa no Nordeste do estado de Pernambuco Correlation between Sea Surface Temperature and index of rain in the rainy station in the Northeast of the Pernambuco State

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ana Paula Nunes Silva

    2011-03-01

    Full Text Available O principal objetivo deste trabalho é avaliar o quanto a precipitação no nordeste do Estado de Pernambuco é devido à anomalias de Temperatura da Superfície do Mar (ATSM do oceano Atlântico e do Pacífico. Para tanto, utilizou-se os totais mensais de precipitação registrados em 15 postos pluviométricos, distribuídos espacialmente ao longo da região estudada dos anos de 1963 a 1992, e ATSM extraídas da versão do Comprehensive Ocean-Atmospheric Data Set (COADS de 1945 a 1993. Verificou-se que a região estudada possui uma forte correlação positiva com a área de estudo da Bacia do Atlântico Sul, e uma correlação negativa com a Bacia do Pacífico Equatorial. Entretanto, as anomalias na temperatura das águas superficiais da região do Atlântico, por estar adjacente a área analisada, apresentam uma correlação mais forte, ao mesmo nível de significância, que as anomalias do Pacífico. Os resultados mostram que um aquecimento anômalo nesta área do Atlântico pode causar eventos extremos de chuva na costa leste do Nordeste.The main objective of this work is to evaluate how much the rain on the northeast of the Pernambuco State is due to the Sea Surface Temperature anomalies (SSTA of Atlantic and Pacific Ocean. Accumulated monthly rain data registered at 15 rain gauges distributed throughout the studied region during the period from 1963 to 1992 and the 1945 to 1993 SSTA series extracted from the version of Comprehensive Ocean-Atmospheric Data Set (COADS were used. It was verified that the studied region presents a strong positive correlation with the study area of the South Atlantic Basin and a negative correlation with the Equatorial Pacific Basin. However, the SSTA in the Atlantic region showed a stronger correlation compared to the correlation in the Pacific at the same significance level. This might be due to the proximity of the Atlantic analyzed area. It is suggested that an anomalous heating on this Atlantic area may

  13. Uso da manta térmica na prevenção da hipotermia intraoperatória Use of forced-air to prevent intraoperative hypothermia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ricardo Caio Gracco de Bernardis

    2009-01-01

    Full Text Available OBJETIVO: A hipotermia é prejudicial no período perioperatório. Não há consenso sobre o melhor método de aquecimento ativo e nem sobre o melhor período para fazê-lo. Este estudo teve como objetivo primário verificar a eficácia de diferentes períodos de utilização da manta térmica à temperatura de 38°C, como método de prevenção da hipotermia intraoperatória. Como objetivo secundário avaliou-se os efeitos adversos do uso da manta térmica na temperatura de 38°C. MÉTODOS: Foram comparados quatro grupos de 15 pacientes submetidos a operações ortopédicas. No grupo controle (Gcont os pacientes não utilizaram manta térmica, nos grupos pré (Gpré, intra (Gintra e total (Gtotal, os pacientes utilizaram manta térmica a 38ºC, respectivamente, durante 30 minutos antes da indução anestésica, após a indução anestésica até 120 minutos e antes e após a indução. Foram avaliados: temperatura central (timpânica, periférica (pele, da sala cirúrgica, variação das condições hemodinâmicas e efeitos adversos do aquecimento. RESULTADOS: O Gtotal foi o único grupo que não teve variação significativa da temperatura central. A temperatura central dos pacientes do grupo Gtotal foi significativamente maior (p OBJECTIVE: Hypothermia is a life-threatening event during the perioperative period. No consensus has been reached about the best active warming approach for such cases. Furthermore there is no consensus on the most appropriate time to warm a hypothermic patient. This study aimed to assess the efficacy of a forced-air blanket to warm patients at 38ºC before and during surgery. Following utilization of the forced-air blanket, adverse effects were evaluated. METHODS: Patients submitted to orthopedic surgeries were divided into four groups of 15 patients. In the control group (Gcont, patients were not warmed with a forced-air blanket. In the preoperative group (Gpre, intraoperative group (Gintra, and total group (Gtotal

  14. Carrot seed germination and vigor in response to temperature and umbel orders Germinação e vigor de sementes de cenoura em resposta a temperatura e ordens de umbela

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Roseane Sousa Pereira

    2008-04-01

    Full Text Available Several factors may influence carrot (Daucus carota L. crop establishment. High temperatures (35 - 40°C, for instance, may delay or inhibit carrot seed germination in the field and so compromise the stand establishment. Carrot seeds from superior umbel orders usually have better physiological quality than those of lower umbel orders. These seeds from superior umbel orders may also show a better performance in adverse conditions. In addition, seeds from different ages show differences in vigor, which affect the stand establishment, mainly under adverse conditions. The aim of this study was to verify the germination at high temperatures and the carrot seed vigor of different umbel orders of 'Brasília', as well as the different 'Alvorada' seed lots. Preliminarily, 'Brasilia' seeds were incubated at temperatures ranging from 20 to 36°C. Also, seeds from the primary, secondary and tertiary umbel orders harvested separately from a basic seed production field and seeds from lots harvested in 1998, 1999 and 2000 were analyzed to the following tests: germination at 20°C (optimum and 35°C (adverse, accelerated aging, cold test, seedling emergence in greenhouse and mass of 100 seeds. High temperatures reduced carrot seed germination. Seeds germinated better at 20°C than 35 or 36ºC. Seeds from primary and secondary orders, as well as less aged seed lots, had higher vigor and germination at high temperature.Vários fatores podem influenciar no estabelecimento da cultura da cenoura (Daucus carota L.. Altas temperaturas (35 - 40°C, por exemplo, podem retardar ou inibir a germinação das sementes de cenoura no campo, comprometendo assim o estabelecimento de plântulas. Sementes oriundas de umbelas de ordem superior geralmente apresentam melhor qualidade fisiológica do que aquelas de menor ordem. Estas sementes podem apresentar uma melhor performance no campo, principalmente sob condições adversas. Lotes de sementes armazenados por diferentes per

  15. Physiological seed quality of sweet corn seeds as a function of the moisture content at harvest and the drying temperature / Qualidade fisiológica de sementes de milho doce BR 401 (su em função do teor de água na colheita e da temperatura de secagem

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maurício Dutra Zanotto

    2003-05-01

    Full Text Available The purpose of the present research was to study physiological seed quality of sweet corn as a function of water content and drying temperatures of ears at harvesting time. Experiments were made in the Agriculture School of São Paulo State University located in Botucatu, São Paulo, Brazil. Ears of sweet corn cultivar, BR 401 Doce de Ouro (sugary, were harvested at different times, starting at physiological seed maturity, and submitted to different drying temperatures (30o C and 40o C in an air circulation chamber. After drying, ears were shelled and seeds were stored in paper bags under laboratory environmental conditions. Field dried seeds, with 10.1% of moisture, were utilized as a control. Physiological seed quality for each harvesting date and drying temperature were analyzed before storage and six months after. The following characteristics were utilized: seedling emergency under field condition, speed of seedling emergence, seedling dry matter content, germination, first counting of germination, accelerated ageing test, cold test without soil, electrical conductivity and Ca, Mg, K and Na lixiviated from seeds in the water of the in conductivity test. The following conclusions were drawn: seeds showed a higher sensitivity to drying temperature of 40oC than to 30oC, in the first evaluation, but not after six months of storage. Artificial drying of seeds did not affect seed quality, if harvest occurred between 17.6% and 50.7% of moisture, when compared to field dried harvested seeds.Sementes de milho doce possuem, em geral, germinação inferior, sendo o baixo vigor que essas apresentam, em grande parte, resultado da inadequação da época de colheita e da temperatura de secagem utilizada. O presente estudo teve como objetivo avaliar a qualidade fisiológica das sementes de milho doce cv. BR 401 (su em função do teor de água na colheita e da temperatura de secagem em espiga. O experimento foi conduzido na FCA/Unesp, Botucatu- SP, em

  16. IMPACTO DA REFRIGERAÇÃO SOBRE VARIÁVEIS DE QUALIDADE DOS FRUTOS DO AÇAIZEIRO (EUTERPE OLERACEA*

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    DARLY RODRIGUES POMPEU

    2009-09-01

    Full Text Available

    Os frutos do açaizeiro (Euterpe oleracea são processados de 24 a 72 horas após sua coleta, permanecendo este tempo em condições de umidade relativa e temperatura altas, favorecendo um rápido crescimento microbiano e a oxidação de seus principais compostos antioxidantes, as antocianinas. A fi m de diminuir estas degradações, avaliouse o impacto da refrigeração (5, 10, 15°C, frente à temperatura ambiente da região (30°C, bem como o tempo de estocagem (0, 8, 20, 27, 44 e 70 horas sobre a perda de massa dos frutos, a carga microbiológica e a concentração de antocianinas. O tempo e as temperaturas de refrigeração tiveram um efeito altamente signifi cativo (p<0,001 nas três respostas estudadas. Determinou-se ainda a capacidade calorífica dos frutos a 30ºC (3,84 kJ kg-1°C-1. A temperatura dos frutos armazenados a temperatura ambiente aumentou de 25ºC para, aproximadamente, 30ºC depois de 11 horas de armazenamento, após este período a temperatura oscilou entre 29 e 31ºC.

  17. Avaliação da proteólise de queijo artesanal de uma unidade produtora da Serra da Canastra nas quatro estações do ano.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luiz Carlos Gonçalves Costa Júnior

    2009-12-01

    Full Text Available Embora muitos estudos já tenham sido conduzidos com queijos artesanais da Serra da Canastra, os mesmos ainda são muito carentes de estudos que permitam melhoria de sua qualidade, maior padronização entre produtores e ao longo das variações sazonais da região. Estudou-se a maturação do queijo Canastra a partir da escolha de uma queijaria típica e tradicional da região, ao longo de 60 dias de maturação em cada uma das quatro estações do ano. Poucas diferenças de temperatura e umidade relativa puderam ser verificadas entre as estações que mostra uma descaracterização entre elas e que refletiram em também poucas diferenças na proteólise destes queijos. Quanto ao tempe de maturação, este foi capaz de alterar as características dos queijos.

  18. SECAGEM DA MICROALGA Aphanothece microscopica Nägeli EM LEITO DE JORRO

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    E. JACOB-LOPES

    2009-01-01

    Full Text Available

    A técnica do leito de jorro possui relevante aplicação em operações envolvendo contato entre partículas sólidas e fluidos. Este método vem sendo amplamente utilizado na secagem de pastas e suspensões de produtos alimentícios. Neste sentido, o trabalho teve por objetivo avaliar a secagem da biomassa da microalga Aphanothece microscopica Nägeli em leito de jorro. Através de um planejamento fatorial 23, estudou-se a viabilidade técnica do processo, em função dos fatores: temperatura (80ºC, 90C, taxa de circulação acima da velocidade de jorro mínimo (60%, 100% e vazão de alimentação (200 mL/h, 300 mL/h. As condições de operação foram estabelecidas em função da qualidade final do produto, expressa em termos de umidade, teor de clorofila a e cor expressa em ângulo hue. Os resultados indicaram que os fatores avaliados influenciaram significativamente (p<0,05 as características da biomassa. A condição de secagem definida pelo planejamento experimental refere-se a temperatura de 90ºC, vazão de alimentação de 200 mL/h e taxa de circulação de ar 100% acima da velocidade de jorro mínimo.

  19. Efeito da temperatura de armazenamento e de fitoreguladores na germinação de sementes de maracujá doce e desenvolvimento inicial de mudas = Effect of storage temperature and phytoregulators on germination of sweet passion fruit seeds and seedling development

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marco Eustáquio de Sá

    2006-07-01

    Full Text Available A germinação de sementes de maracujazeiro doce apresenta problemas e estudos que possam elucidar o processo e verificar sua viabilidade são importantes para que os produtores de mudas possam melhorar seu rendimento e obter maiores lucros. O objetivo do trabalho foi verificar o efeito da temperatura de armazenamento das sementes, e embebição em fitoreguladores e KNO3 na germinação e desenvolvimento inicial de mudas de maracujá doce. O experimento foi instalado na Casa de Vegetação, da Faculdade de Engenharia de Ilha Solteira/Unesp, Estado de São Paulo, em delineamento inteiramente casualizado, numesquema fatorial 2 X 5, sendo 2 temperaturas de armazenamento das sementes (ambiente e geladeira e 5 tratamentos de embebição (sem embebição, água destilada, giberelina 250 ppm, citocinina 250 ppm e KNO3 0,1%, com 4 repetições. As sementes foram armazenadas por 20dias, seguidas de embebição por 24 horas. As avaliações foram feitas até os 62 dias após a semeadura, determinando-se porcentagem de germinação, o índice velocidade de germinação e parâmetros do desenvolvimento inicial das mudas. A baixa temperatura teve efeito positivo na germinação. A giberelina influenciou positivamente o desenvolvimento inicial das mudas, constatando-se que o seu efeito pode ser perfeitamente substituído pela baixa temperatura dearmazenamento das sementes.The germination of sweet passion fruit seeds has problems. Studies that explain and verify its viability are important for seedproducers to improve their income and profit. The aim of this work was to verify the effect of storage temperature and imbibition in phytoregulators and KNO2 on germination and seedling development of passion fruit. The experiment was carried out at Casa de Vegetação from Faculdade de Engenharia de Ilha Solteira/Unesp, São Paulo State, using a completely randomized design in a 2 (storage temperature of seeds (room temperature and refrigerator x 5 (imbibition

  20. Qualidade da água no consórcio de peixes com arroz irrigado

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Golombieski Jaqueline Ineu

    2005-01-01

    Full Text Available O objetivo deste trabalho foi avaliar a qualidade da água utilizada no consórcio de peixes com arroz irrigado. O experimento foi conduzido em área de várzea, com sistema pré-germinado de cultivo de arroz associado ao cultivo de carpas e jundiá, onde semanalmente foram monitorados os níveis de oxigênio dissolvido, temperatura, pH, dureza, alcalinidade total, amônia, nitrito e transparência da água. As características físico-químicas da água (temperatura, pH, dureza, alcalinidade,amônia e nitrito não afetam o crescimento e o desenvolvimento dos peixes no consórcio com arroz irrigado para as espécies cultivadas (60% de carpa húngara, 20% de carpa capim, 10% de jundiá, 5% de carpa prateada e 5% de carpa cabeça grande. Embora as densidades de peixes utilizadas e as épocas de colocação dos alevinos afetem certos parâmetros de qualidade da água (oxigênio dissolvido e transparência da água em alguns períodos, em geral eles se mantêm em níveis adequados de acordo com os padrões para as espécies.

  1. Comportamento da produção de espécies reativas de oxigênio em miocárdio de ratos submetidos a treinamento de baixa intensidade em diferentes temperaturas Behavior of oxygen reactive species production in myocardium of rats submitted to low intensity training under different temperatures

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Jayme Netto Jr.

    2007-12-01

    Full Text Available INTRODUÇÃO: A prática de exercício físico proporciona aumento da produção de espécies reativas de oxigênio (ERO resultantes do metabolismo aeróbio e, gera uma quantidade significativa de calor, em conseqüência da produção de energia, resultando em sobrecarga orgânica. A associação entre ERO e exercício, e entre exercício e variações da temperatura ambiente têm sido estudadas, contudo, há escassez de informações que considere a associação entre produção de radicais livres no miocárdio e atividade física em temperatura elevada. OBJETIVO: Comparar a produção de ERO em miocárdio de ratos submetidos ao treinamento de baixa intensidade em diferentes temperaturas. MÉTODOS: Foram utilizados 20 ratos Wistar, machos, jovens, peso (250 a 280g, divididos em quatro grupos: G1 (n = 5 expostos ao treinamento e calor (39º ± 1C; G2 (n = 5 expostos somente ao calor durante o mesmo período de G1, sem treinamento; G3 (n = 5 expostos ao treinamento em temperatura ambiente (22º ± 1C; G4 (n = 5 expostos à temperatura ambiente sem treinamento. O treinamento foi realizado em esteira rolante climatizada por cinco semanas, evoluindo 5 minutos a cada duas sessões finalizando em 60 minutos em baixa intensidade 8m/min. O ambiente foi controlado entre 39 ± 1ºC e 22 ± 1ºC e entre 40 e 60 % de umidade relativa. A lipoperoxidação foi avaliada por Quimiluminescência (QL. A análise dos dados foi realizada a partir do teste Two Way ANOVA para análise da QL e t de student para a Capacidade Antioxidante Total (TRAP. RESULTADOS: A análise da QL revelou uma curva de emissão de luz significantemente mais baixa para o grupo exposto ao exercício em normotermia comparado aos sedentários mantidos no calor. A análise da TRAP mostrou diminuição em todos os grupos experimentais em relação ao G4. CONCLUSÃO: Concluiu-se que houve níveis menores de produção de ERO nos grupos submetidos somente ao calor ou somente ao exerc

  2. Whiskers de fibra de sisal obtidos sob diferentes condições de hidrólise ácida: efeito do tempo e da temperatura de extração Whiskers from sisal fibers obtained under different acid hydrolysis conditions: effect of time and temperature of extraction

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Kelcilene B. R. Teodoro

    2011-01-01

    Full Text Available Neste trabalho, os efeitos de diferentes condições de tempo e temperatura usados para a preparação de whiskers de sisal foram investigados com o objetivo de se determinar a influência destes parâmetros experimentais na morfologia, cristalinidade e estabilidade térmica dos materiais preparados. A obtenção dos whiskers deu-se após o pré-branqueamento da fibra de sisal com solução alcalina de peróxido de hidrogênio. A fibra branqueada foi submetida ao processo de hidrólise com solução de ácido sulfúrico 60% (m/m sob três diferentes condições de temperatura e tempos de extração: 45 °C e 60 minutos (WS45_60; 45 °C e 75 minutos (WS45_75 e 60 °C e 30 minutos (WS60_30. Os whiskers foram caracterizados quanto à morfologia por microscopia eletrônica de transmissão (MET, quanto à cristalinidade (DRX, carga superficial (potencial zeta , teor de enxofre (análise elementar e quanto à estabilidade térmica por termogravimetria (TGA. Os resultados mostraram que os whiskers de sisal apresentaram comprimento e diâmetro médios e 210 nm e 5 nm respectivamente. Devido à alta aglomeração dos whiskers, diferenças relativas às características dimensionais não puderam ser determinadas. Os resultados obtidos revelaram uma forte dependência da cristalinidade final dos whiskers com a temperatura e tempo de extração. O uso de temperatura mais alta (60 °C associado a um menor tempo de extração (30 minutos resulta em whiskers com boa estabilidade térmica (235 °C, maior cristalinidade e sem o comprometimento da estrutura cristalina da celulose.In this work, the effects of different conditions of time and temperature, used for the preparation of whiskers from sisal, were investigated to determine the influence of experimental parameters on morphology, crystallinity and thermal stability of materials prepared. The whiskers were obtained after the bleaching of sisal raw fiber with a solution of hydrogen peroxide alkaline. The

  3. Transpiração e condutância foliar à difusão de vapor de feijoeiro irrigado em função da temperatura da folhagem e variáveis ambientais = Transpiration and stomatal conductance of irrigated bean in relation to foliage temperature and environmental variables

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Paulo Augusto Manfron

    2007-01-01

    Full Text Available Áreas com cultivo irrigado têm o déficit de saturação de vapor (DPV etemperatura do ar modificados. Sendo a resposta estomática influenciada por essas variáveis e outras como temperatura do dossel, a cultura do feijão irrigado tende a apresentar condutância estomática à difusão de vapor (Gva e transpiração, diferenciados com relação ao cultivo de sequeiro. Avaliando-se Gva e transpiração com porômetros de equilíbrio dinâmico, verificou-se que a taxa de transpiração apresentou melhor correlação em relação à temperatura da folhagem em condições de folhas ao sol, do que em relação a folhassombreadas. Relações de Gva com temperatura do ar, DPV e radiação fotossinteticamente ativa (PAR reforçam a interação dos fatores ambientais com a resposta estomática. Valores de Gva apresentaram correlação exponencial negativa tanto com temperatura do ar e DPV,para valores entre 20 e 35°C, de 0,5 à 3 KPa, respectivamente e aumento exponencial quando relacionada a PAR, mesmo com valores superiores a 2000 mmol m-2 s-1.Irrigated areas present environmental variables such as vapor pressure deficit (DPV and modified air temperature. The stomatal response is not only affected by these modified environmental conditions, but also by others such as canopy temperature. Thus, an irrigated bean crop tend to present modifications in stomatal conductance (Gva and transpiration in relation to a non irrigatedcommon bean crop. Gva and transpiration were measured with steady-state null-balance porometers. Results showed that transpiration rate correlated better with canopy temperature in conditions of sunny leaves than of shaded leaves. The relation between Gva and air temperature, and between DPV and photosynthetic active radiation (PAR reinforce the interaction of the environmental variables with stomatal response. Gva values presented negative exponential correlation with air temperature and DPV, for values between 20 and 35°C, and 0

  4. Modelo climático para previsão do míldio da cebola

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Leandro Luiz Marcuzzo

    2016-03-01

    Full Text Available RESUMO A partir de dados publicados na literatura, elaborou-se um modelo de previsão do míldio da cebola, causado por Peronospora destructor. O modelo desenvolvido baseia-se nas condições climáticas favoráveis para o processo infeccioso, baseado na temperatura e na duração do molhamento foliar. Obteve-se a interação que representa os dois fatores sobre a probabilidade de infecção. Com auxílio da planilha eletrônica Excell, calculou-se a duração do período de molhamento foliar para obter diferentes probabilidades de infecção do patógenos em diferentes temperaturas. Com os dados foi elaborada uma tabela que poderá ser usada na programação computacional que registra a duração do período de molhamento foliar e a temperatura média e automaticamente o valor diário de probabilidade de ocorrência de infecção. O modelo será validado em experimentos conduzidos no campo e com infecção natural, em Rio do Sul, SC.

  5. Efeito da temperatura e do fotoperíodo sobre o desenvolvimento do aparelho reprodutor de rã-touro (Rana catesbeiana Shaw, 1802 Effect of the temperature and the photoperiod on the development of bullfrog (Rana catesbeiana Shaw, 1802 reproduction apparel

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Mario Roberto Chim Figueiredo

    2001-06-01

    Full Text Available Foram avaliados os efeitos da temperatura e do fotoperíodo sobre a maturação sexual de rãs-touro pesando 94,22 g ± 12,03, mantidas durante trinta dias em temperaturas de 20, 23, 26, 29, 32 e 35°C, com fotoperíodo de 12/12 horas de luz/horas de escuridão (h L/E. A temperatura afetou os pesos do corpo gorduroso e do fígado, os quais variaram de acordo com modelos quadráticos, estimando-se maiores pesos de corpo gorduroso a 27,27°C e de fígado a 26,81°C. Estimaram-se ovários mais pesados a 28,36°C e ovidutos mais pesados a 28,77°C. Temperatura afetou a maturação sexual das rãs, avaliada por índices numéricos. Num experimento mais longo, rãs com peso médio inicial de 95,31 ± 8,46 g foram submetidas à combinação das temperaturas de 26 e 29°C com os fotoperíodos de 8/16, 12/12 e 16/8 h L/E, até atingirem a maturidade gonadal. Temperatura interagiu com fotoperíodo em seus efeitos sobre o desenvolvimento dos órgãos reprodutivos de rã-touro. Temperatura afetou a relação diâmetro do abdômen/distância entre os olhos, com maiores valores calculados para 26°C. Verificou-se que os maiores diâmetros dos ovócitos são obtidos a uma temperatura de 26°C, com fotoperíodo de 12,6/11,4 h L/E.The effects of the temperature and of the photoperiod on the bull frog sexual maturation of frogs weighing 94.22 g ± 12.03, maintained for thirty days under temperatures of 20, 23, 26, 29, 32 and 35°C, with photoperiod of 12/12 hours of light/hours of darkness (h L/D, were evaluated. Temperature affected the weights of the fat body and liver, that varied according to quadratic models, and higher weights of fat body at 27.27°C and of liver at 26.81°C were considered. The ovaries heavier than 28.36°C and oviducts heavier than 28.77°C were estimated. Temperature affected the sexual maturation of the frogs, evaluated by numeric indexes. In a longer experiment, frogs with initial weight of 95.31 g ± 8.46, were submitted to the

  6. ISOTERMAS E CALOR ISOSTÉRICO DE ADSORÇÃO DA ÁGUA DO AMIDO DE QUINOA

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    AUGUSTO PUMACAHUA RAMOS

    2017-07-01

    Full Text Available A quinoa possui mais de 60% de amido, sendo uma alternativa de extração e comercialização. Para isto é necessário conhecer o comportamento do amido frente à temperatura e umidade relativa do ar. O objetivo desta pesquisa foi avaliar as isotermas de adsorção do amido de quinoa em cinco temperaturas (20, 30, 40, 50 e 60ºC e dez atividades de água (0,036 a 0,907. Os pontos experimentais foram ajustados aos modelos matemáticos GAB, Oswin, Henderson, Peleg e Ferro-Foltan. Foram determinadas as energias de ativação da adsorção da água pelas constantes do modelo GAB e o calor isostérico pelo modelo de Peleg. As isotermas mostraram ser do tipo II na classificação de Brunauer. Os teores de água da monocamada (Xm determinados pelo modelo de GAB variaram de 7,90% a 10,38% base seca (b.s. para temperaturas de 60 e 20°C e as energias de ativação obtidas pelas constantes Xm, C e K do modelo de GAB foram de 300; 160 e 6 kJ/kg, respectivamente. O calor isostérico de adsorção foi de 3732 kJ/kg para umidade de equilíbrio de 0,5% b.s. e diminuiu com o aumento da umidade até valor próximo ao calor latente de vaporização da água pura a 36% b.s. As propriedades determinadas são características de amidos com elevado teor de amilopectina.

  7. Avaliação de parâmetros indicativos da qualidade da carne bovina moída comercializada em diferentes supermercados em Erechin, Rio Grande do Sul

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marlice Salete Bonacina

    2017-11-01

    Full Text Available Introdução: Nas últimas décadas, os brasileiros, seguindo uma tendência mundial, vêm mudando os seus hábitos alimentares, preocupando-se com a origem dos alimentos. Objetivo: O objetivo deste estudo foi avaliar os parâmetros físico-químicos e microbiológicos da carne bovina moída, comercializada em diferentes supermercados no município de Erechim, Rio Grande do Sul. Método: Foram realizadas três coletas, em quatro estabelecimentos diferentes, totalizando 12 amostras. A qualidade da carne foi avaliada através dos parâmetros temperatura, pH, determinação de bolores e leveduras, prova de cocção, de Nessler e de Éber; pesquisa de nitrato, nitrito e sulfito de sódio. Resultados: A partir dos resultados foi possível verificar que todas as amostras coletadas não atenderam a legislação em relação à temperatura de armazenamento, e apresentaram uma elevada contagem de bolores e leveduras. No entanto, todas as amostras encontraram-se dentro do padrão estabelecido para os valores de pH. Verificou-se a presença de odores desagradáveis em 25,0% das amostras, resultados positivos para a prova de Nessler e Éber, e negativos para 100,0% das amostras em relação as determinações de fraudes. Conclusões: A partir destes resultados, fica evidente a necessidade de condutas que visam a obtenção e a comercialização de carne moída com maior qualidade no município de Erechim. Por isso, é importante melhorar a educação sanitária e a conscientização dos empresários e colaboradores que atuam no setor, além da fiscalização mais ativa da Vigilância Sanitária do Município.

  8. Determinação da redução da resistência à tração em corpos de prova com Weld Line

    OpenAIRE

    Bom,R.P.; Kalin,A.F.

    2008-01-01

    Neste trabalho objetivou-se determinar a redução da resistência à tração de corpos de prova com linhas de solda. Os corpos de prova ASTM foram moldados pelo processo de injeção com diferentes temperaturas de plastificação (180 ºC a 280 ºC). O material utilizado foi o polímero termoplástico Polystyrol 158 K da Basf. Este estudo relaciona as linhas de solda em produtos moldados por injeção com a redução da resistência mecânica devido a fragilização na região da linha de solda. Para o desenvolvi...

  9. Nodo sensor para la medida ambiental de CO2, temperatura y humedad

    OpenAIRE

    Jara Burgos, Marcos

    2007-01-01

    En este documento se describe el diseño y la implementación de un nodo sen-sor para la medida ambiental del nivel de CO2, la temperatura y la humedad relativa. El sistema se basa en un interfaz directo sensor a microcontrolador para las medidas de temperatura y humedad relativa, mientras que para el sensor de CO2 se basa en una conversión analógica digital. El sistema utiliza un sensor resistivo para medir la temperatura, un sensor capacitivo para medir la humedad relativa y un sensor...

  10. Qualidade pós-colheita de nêsperas submetidas ao armazenamento sob baixa temperatura e atmosfera modificada Postharvest quality of loquat stored at a low temperature and modified atmosphere

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Jacinta Tavares de Campos

    2007-06-01

    Full Text Available A curta vida-de-prateleira da nêspera (Eryobotria japonica Lindl. é um dos fatores que encarecem o preço final deste fruto constituindo um obstáculo para o aumento da sua produção e popularização de seu consumo. Neste contexto, o investimento em estratégias de armazenamento representa uma contribuição para a cadeia de produção da nêspera. Assim, o objetivo deste trabalho é apresentar uma alternativa de baixo custo para a extensão do tempo de armazenamento deste fruto. Nêsperas da cultivar Precoce de Itaquera, maduras, foram acondicionadas em bandejas de poliestireno teraftalato e embaladas com filme de polivinilcloreto de 14 µm de espessura. Os frutos foram armazenados em diferentes temperaturas (18 e 6 °C na presença e ausência de sachês de permanganato de potássio para remoção do etileno. Durante o armazenamento, os frutos foram periodicamente analisados quanto à produção de etileno e à respiração. Os frutos amostrados para análises posteriores foram descascados e a polpa congelada. Os frutos foram também monitorados quanto à perda de massa fresca e analisados os teores de glicose, frutose, sacarose e sorbitol por HPAEC-PAD. Os teores de etileno nos grupos armazenados na presença dos sachês foram significativamente menores em comparação aos demais grupos, independente da temperatura de armazenamento. A respiração mostrou dependência da temperatura, sendo menor nos frutos armazenados a 6 °C, independente da presença dos sachês. Os teores de açúcares solúveis apresentaram flutuações durante o armazenamento a baixa temperatura, mas sem alterações significativas em relação aos teores iniciais, com exceção do sorbitol que aumentou. Os efeitos do armazenamento à baixa temperatura, combinados com a presença de sachês absorvedores de etileno, sobre a respiração e os teores de etileno podem ser apontados como relevantes para o aumento na vida-de-prateleira das nêsperas, sem alterações nos n

  11. LA VARIACIÓN DE LAS TEMPERATURAS EXTREMAS EN LA 'COMARCA LAGUNERA' Y CERCANÍAS

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Jairo Omar Inzunza-López

    2011-01-01

    Full Text Available Las series de temperaturas máxima y mínima diarias, con registros de al menos 30 años, de 23 estaciones meteorológicas de la Comarca Lagunera y lugares cercanos, fueron analizadas con las técnicas de regresión lineal simple y densidad de espectro potencial para obtener las tendencias y frecuencias significativas. Las series de 15 de las 23 estaciones presentaron tendencias significativas (P¿0.05 para ambas temperaturas. El promedio de las tendencias de temperatura máxima fue de -0.22 °C por decenio; pues 15 de las 23 series presentaron decrementos, 13 de forma significativa. El promedio de las tendencias de temperatura mínima fue de -0.085 °C por decenio; ya que 13 de 23 series presentaron tendencias negativas, 11 de forma significativa. La variación a largo plazo fue la predominante ya que los promedios de dimensión fractal fueron 1.46 y de 1.47 para temperatura máxima y mínima, respectivamente. La mayoría de las series presentaron frecuencias cuasibianuales, cuasi-trianuales y cuasi-tetra-anuales. En cinco estaciones se apreciaron frecuencias de 10 a 11 años para ambos tipos de temperatura; una estación presentó la frecuencia de 20 años en las dos temperaturas.

  12. Qualidade da carne de frangos de corte submetidos a dietas suplementadas com crômio, criados em diferentes temperaturas ambientais = Meat quality of broiler chicks submeted the supplemented diets with chromium and reared in differents enviromental temperatures

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Alexandre Oba

    2007-04-01

    Full Text Available Foram realizados dois experimentos. O experimento um objetivou avaliar a composição da carne do peito de frangos alimentados com dietas suplementadas com crômio (0, 400, 800 e 1.200 μg Cr kg-1 complexado a levedura, criados sob diferentes condições de temperatura (quente, termoneutra e fria. O experimento dois objetivou avaliar a qualidade da carne do peito de frangos alimentados com dietas suplementadas com crômio (0 e 400 μg Cr kg-1, criados nas mesmas condições do experimento um e desossados em diferentes períodos (0, 5 e 24 horas. Os resultados mostram que as aves criadas em ambiente frio apresentaram a carne com menor porcentagem de matéria mineral e crômio e maior intensidade de vermelho, enquanto as aves criadas em temperatura termoneutra apresentaram carne com menor porcentagem de umidade, e as aves criadas em temperatura quente, carne com maior luminosidade. Já a suplementação de crômio não proporcionou qualquer efeito na composição e na qualidade de carne, enquanto que o aumento no período de desossa proporcionou um menor comprimento de sarcômero, força de cisalhamento e intensidade de amarelo, porém uma maior luminosidade.Two experiments were conducted being the objective of the first experiment to evaluate the the composition of breast meat of broiler chicks fed with diets supplemented with chromium yeast (0; 400; 800and 1,200 μg Cr kg-1 reared in different environmental temperatures (hot, thermoneutral and cold. The second experiment aimed to evaluate the quality of breast meat of broiler chicks fed with diets supplemented with chromium yeast (0 and 400 μg Cr kg-1, reared in different environmental temperatures (hot, thermoneutral and cold and deboned in different periods (0, 5 and 24 hours. The results showed that birds reared in cold environmental temperature showed meat with lower mineral matter percentage and chromium and higher values of redness, whereas the birds reared in thermoneutral environment

  13. Elaboração e caracterização físico-química e microbiológica da farinha da palma (Opuntia fícusindica Mill em diferentes temperaturas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    D. S. Severo

    2015-11-01

    Full Text Available A Palma forrageira (Opuntia fícusindica Mill é uma cactácea originária do México, porém bastante cultivada na região semiárida do nordeste. Na alimentação humana, geralmente, são usados em preparações culinárias os brotos de palma, os frutos in natura ou processados. Uma das maneiras de diversificar o uso da palma forrageira seriam a secagem e sua transformação em farinhas para incorporação em diversos produtos. Desta forma o objetivo deste trabalho foi avaliar a qualidade físico-química e microbiológica da farinha. As amostras foram coletadas na zona rural e transportadas para o laboratório do Centro Vocacional e Tecnológico /UFCG – Campus Pombal – PB, as mesmas foram desidratadas até a total retirada da umidade em estufa de circulação de ar nas seguintes temperaturas: 70, 80 e 90 °C, posteriormente passaram por um liquidificador industrial, em seguida por um moinho de facas para a obtenção da farinha. Após a obtenção foram realizadas as análises microbiológicas e analises físico-químicas. O emprego na alimentação humana, a palma forrageira é um grande potencial produtivo do Semiárido com alternativas sustentadas de desenvolvimento.Preparation and physical chemistry and microbiological characterization of flour palm ( Opuntia fícusindica Mill at different temperaturesAbstract: The Spineless cactus ( Opuntia fícusindica Mill is a cactaceous originally from Mexico, but rather grown in semi-arid region of the northeast. For human consumption, generally, they are used in culinary preparations the palm shoots, os frutos in natura ou processados. One way to diversify the use of cactus would be drying and processing into meal for incorporation into various products. Thus the aim of this study was to evaluate the physical - chemical and microbiological quality of the flour. The samples were collected in the countryside and transported to the laboratory and Technological Vocational Center / UFCG - Campus

  14. INFLUÊNCIA DO MÉTODO DE SAPONIFICAÇÃO DE ÓLEO VEGETAL AMAZÔNICO NA FLOTABILIDADE DA APATITA

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Priscila Silva de Oliveira

    2014-07-01

    Full Text Available Pesquisas demonstram a viabilidade técnica da utilização de sais de ácidos graxos, obtidos a partir da hidrólise alcalina de óleos provenientes de espécies vegetais amazônicas como coletores em flotação de minérios fosfáticos. No entanto, a necessidade de torná-los solúveis em água através da reação de saponificação, que é feita em alta temperatura e tempo elevado de reação, dificulta a sua aplicação a nível industrial. Nesse sentido, o objetivo principal deste trabalho é avaliar diferentes métodos de saponificação do óleo vegetal extraído da polpa de buriti (Mauritia flexuosa, oriundo da floresta amazônica, analisando a influência do método na flotabilidade da apatita. Nas reações de saponificação variou-se o tempo e a temperatura de reação, a proporção água/álcool e proporção óleo/NaOH. O critério de flotabilidade utilizado foi a microflotação em tubo de Hallimond modificado, com emprego de extensor da altura do aparato para evitar o arraste hidrodinâmico. Os resultados de flotabilidade obtidos apontam como as melhores condições: tempo máximo de reação de 20 minutos, proporção óleo/NaOH de 1:0,3, proporção álcool/água de 1:0 e temperatura de reação de 55 °C.

  15. Produção e estabilidade de conservação de farinha de acerola desidratada em diferentes temperaturas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Daíse Souza Reis

    2017-04-01

    Full Text Available Resumo O objetivo deste trabalho foi identificar a melhor temperatura de desidratação para a produção de farinha de acerola de alta qualidade de consumo e estabilidade de parâmetros físico-químicos durante a conservação. Frutos de acerola ‘Flor Branca’ foram colhidos no estádio de maturação maduro em um pomar comercial do Vale do São Francisco, Petrolina, PE. Frutos com ou sem sementes foram sanitizados e desidratados nas temperaturas de 60 °C, 70 °C e 80 °C em estufa de circulação de ar forçado e, em seguida, foram triturados para a obtenção da farinha, a qual foi armazenada em temperatura ambiente em embalagens de polietileno herméticas. A polpa dos frutos foi utilizada para a determinação do pH, sólidos solúveis (SS, acidez titulável (AT, ácido ascórbico (AA e umidade. A farinha de acerola foi avaliada a cada 15 dias, por um período de 75 dias, quanto ao pH, SS, AT, AA e cor. Para todas as temperaturas de desidratação, os valores de pH e SS foram semelhantes, variando entre 3,5-4,2 e 6,3-11,7, respectivamente. Os SS apresentaram menor variação ao final do armazenamento. A AT aumentou em todas as amostras variando de 5% a 10%. As perdas de ácido ascórbico foram de 76,2% e 80%, 23,9% e 55%, ou 37,9% e 65% para as farinhas com e sem sementes desidratadas a 60 °C, 70 °C e 80 °C, respectivamente. De acordo com os resultados obtidos, a melhor temperatura de desidratação é 70 °C, pois resultou em farinha com alta qualidade de consumo e estabilidade de parâmetros físico-químicos durante 75 dias de conservação.

  16. The germination of bush mint (Hyptis marrubioides EPL. seeds as a function of harvest stage, light, temperature and duration of storage=Germinação de sementes de hortelã-do-campo (Hyptis marrubioides EPL. em função da época de colheita, da luz, temperatura e armazenamento.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ricardo Monteiro Corrêa

    2011-10-01

    Full Text Available This study evaluated the effect of light, temperature, physiologic stage at harvest and length of time on the germination of Hyptis marrubioides seeds. Two trials were conducted. The first experiment was performed immediately after the seed harvest and consisted of a 2 x 3 x 3 factorial design with 2 environmental conditions (light and dark, 3 temperatures (20, 30 and 20/30ºC and 3 seed harvest times (green colored seeds, light brown seeds and dark brown seeds. The second experiment was conducted in the presence of light at a temperature of 30ºC and consisted of a 4 x 3 factorial design, with 4 storage times (0, 6, 12 and 18 months and the 3 three harvest physiologic stages used in the previous experiment. Both of the experiments were conducted in randomized blocks, with 4 replications of 100 seeds. Light did not affect germination. By contrast, a temperature of 20ºC retarded the germination process, although the percentage of germinating seeds was not affected. Seed storage and the different harvest physiologic stages affected the Speed of germination index (SGI and the germination percentage. Seeds that were harvested at the more mature stage (dark brown color could be stored for up to 18 months.O presente trabalho teve como objetivos avaliar a influência da luz, da temperatura, do estádio fisiológico na colheita e do armazenamento na germinação das sementes de Hyptis marrubioides. Foram realizados dois experimentos, sendo o primeiro implantado logo após a colheita das sementes, constituído por um fatorial 2 x 3 x 3, com 2 ambientes (luz e escuro x 3 temperaturas (20, 30 e 20/30ºC x 3 épocas de colheita das sementes (sementes com coloração verde, coloração marrom claro e coloração marrom escuro. O segundo experimento, em presença de luz e à temperatura de 30ºC, foi constituído por um esquema fatorial 4 x 3, sendo 4 tempos de armazenamento (0, 6, 12 e 18 meses e 3 três estádios fisiológicos de coleta mencionados no

  17. RETARDAMENTO DA MATURAÇÃO DE MAÇÃS 'FUJI' PELO TRATAMENTO COM 1-MCP E MANEJO DA TEMPERATURA DELAYING 'FUJI' APPLE RIPENING BY 1-MCP TREATMENT AND MANAGEMENT OF STORAGE TEMPERATURE

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    LUIZ CARLOS ARGENTA

    2001-08-01

    Full Text Available Maçãs cv. Fuji foram tratadas com 42 mimol·m-3 de 1-metilciclopropeno (1-MCP por 24 h a 20°C, um dia após a colheita, e então armazenadas a 0; 10 ou 20ºC por 70 dias. Tratamento com 1-MCP efetivamente retardou a maturação de maçãs 'Fuji'. 1-MCP reduziu a taxa respiratória dos frutos mantidos a 10 e 20ºC e inibiu a produção de etileno dos frutos mantidos nas três temperaturas de armazenagem. Frutos tratados com 1-MCP e armazenados a 20ºC exibiram taxas respiratórias similares ou inferiores àquelas de frutos-controle armazenados a 10ºC. Quando armazenados a 10 ou 20ºC, frutos tratados com 1-MCP preservaram mais a firmeza da polpa e a acidez titulável e exibiram menor amarelecimento da epiderme que frutos-controle. Entretanto, não houve benefícios significativos do tratamento 1-MCP sobre a conservação da qualidade dos frutos armazenados a 0ºC no período de 70 dias após a colheita. Os resultados indicam que o tratamento com 1-MCP pode ser uma estratégia para o aumento da conservação de maçãs cv. Fuji durante o transporte e a distribuição sob 10 ou 20ºC. O prolongamento da armazenagem a 20ºC por período superior a 40 dias pode ser limitado pelo murchamento dos frutos e desenvolvimento de podridões.'Fuji' apples were treated with 42 mumol·m-3 of 1-methylcyclopropene (1-MCP for 24 h at 20°C then stored at 0, 10 or 20 ºC for 70 days. MCP treatment reduced respiration on fruit held at 10 and 20 ºC and inhibited ethylene production regardless of storage temperature. Treated fruits held at 20ºC presented respiration rate similar to those of untreated fruits held at 10ºC. For fruit held at 10 or 20ºC, MCP treatment inhibited softening, loss of acidity and color changes on fruit surface. However, there was no considerable benefit of 1-MCP treatment on maintenance of fruit quality during short-term (70 days and storage at 0ºC. Results indicated that 1-MCP is an effective mean to delay ripening and to retain

  18. La materia en condiciones extremas de densidad y temperatura

    OpenAIRE

    Morones Ibarra, José Rubén

    2013-01-01

    El estudio de las propiedades de la materia cuando se encuentra sometida a condiciones extremas de temperatura y presión ha llamado la atención de los físicos nucleares y de partículas elementales debido a la importancia que este tema tiene para conocer las condiciones iniciales del universo. En los primeros instantes del Gran Estallido (Big Bang) el universo era una región muy pequeña del espacio y por lo tanto su densidad y temperatura eran enormes. Para ente...

  19. Conservação pós-colheita de pinhões [sementes de Araucaria angustifolia (Bertoloni Otto Kuntze] armazenados em diferentes temperaturas Postharvest preservation of 'pinhões' [seeds of Araucaria angustifolia (Bertoloni Otto Kuntze] stored at different temperatures

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cassandro Vidal Talamini do Amarante

    2007-04-01

    Full Text Available O pinhão (semente de Araucaria angustifolia representa importante fonte de renda aos produtores rurais e uma opção a mais de alimento característico a ser oferecido aos turistas e à população em geral na região Sul do Brasil. A temperatura e a umidade de armazenamento são os principais determinantes da preservação pós-colheita de pinhões. Este trabalho objetivou avaliar os efeitos da temperatura de armazenamento nas taxas respiratórias e de evolução de etileno, bem como na perda de massa fresca e na germinação pós-colheita de pinhões destinados para consumo alimentar humano. Seguiu-se o delineamento experimental inteiramente casualizado com seis temperaturas de armazenamento (2, 10, 20, 30, 40 e 50°C e quatro repetições, cada repetição correspondendo a amostras contendo cerca de 300g de pinhões. Pinhões armazenados nas diferentes temperaturas não apresentaram produção de etileno (em níveis detectáveis através de cromatografia gasosa, com sensibilidade de 1ppm. A taxa respiratória aumentou substancialmente com o aumento na temperatura, com um Q10 @ 2,5 na faixa de temperatura de 2 a 37,1°C. Houve redução substancial da respiração com o aumento na temperatura de 37,1 para 50°C. A maior germinação dos pinhões foi verificada na temperatura de 20°C (~55% dos pinhões germinados aos 26 dias de armazenamento, reduzindo em temperaturas menores (~1% e 21% de germinação nas temperaturas de 2 e 10°C, respectivamente ou maiores (9% e The seeds ('pinhões' of Brazilian pine (Araucaria angustifolia represent an important sorce of income to the rural comunities and also an additional food product to be offered to the tourists and population in Southern Brazil. Temperature and humidity in the storage environment are the mais factors affecting 'pinhões' postharvest preservation. This work was carried out to evaluate the effects of storage temperature on postharvest respiration and ethylene production, as well as on

  20. Cinética de congelamento do feijão (Phaseolus vulgaris L. a baixas temperaturas Freezing kinetics of bean (Phaseolus vulgaris L. at low temperatures

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Mario E. R. M. Cavalcanti-Mata

    2012-06-01

    Full Text Available O objetivo neste trabalho foi obter as curvas de congelamento do feijão, cultivar 'gordo', nas temperaturas de -25, -50, -170 e -196 ºC e determinar sua difusividade térmica efetiva. Com vista à obtenção das curvas de congelamento das sementes nas temperaturas de -25 e -50 ºC utilizou-se um freezer criogênico horizontal; para a temperatura de -170 ºC, o vapor de nitrogênio e, para a temperatura de -196 ºC, as sementes foram submersas no nitrogênio líquido. Afim de expressar o comportamento cinético do congelamento das sementes de feijão, foi usado o modelo de Fourier levando-se em consideração o primeiro termo da série, além dos Modelos I e II de Cavalcanti-Mata & Duarte. Os resultados obtidos indicam que os três modelos representam satisfatoriamente os dados experimentais da cinética de congelamento; apesar disto, com o Modelo II de Cavalcanti-Mata & Duarte se obtém o maior coeficiente de determinação. Constata-se também que, para congelar as sementes de feijão até atingir o equilíbrio térmico na temperatura de -25 ºC, o tempo necessário foi de 1200 min; em temperatura de -50 ºC o equilíbrio foi atingido com 480 min; a -170 ºC o equilíbrio se deu em 180 min e, a -196 ºC, em 30 min.The objective of this study was to obtain the freezing curves of beans, variety 'gordo' at temperatures of -25, -50, -170 and -196 ºC, and determine their effective thermal diffusivity. For the curves of freezing beans seeds at temperatures of -25 and -50 ºC a cryogenic horizontal freezer was used, for temperature of -170 ºC, nitrogen vapor was used and at temperature of -196 ºC seeds were submerged in liquid nitrogen. To express the kinetic behavior of the freezing of bean seeds, the Fourier model was used taking into account the first term of the series and; Cavalcanti-Mata & Duarte model I and II. The results indicate that the three models satisfactorily represent the experimental data of the kinetics of freezing, though with

  1. Eficácia do picolé de gelo no manejo da sede no pós-operatório imediato : ensaio clínico randomizado

    OpenAIRE

    Marilia Ferrari Conchon

    2014-01-01

    INTRODUÇÃO: No perioperatório a sede é altamente incidente e intensa, havendo indícios de que temperaturas frias podem se configurar como estratégias viáveis para minorá-la. OBJETIVO: Avaliar a eficácia do picolé de gelo em comparação com a água em temperatura ambiente no alívio da sede no pós-operatório imediato, quanto à variação da intensidade da sede inicial em relação à final e saciedade alcançada após uma hora de avaliação e intervenção. MÉTODO: Pesquisa analítica experimental, tipo ens...

  2. EVALUACIÓN DEL COMPORTAMIENTO DE ARCILLAS SOMETIDAS A DIFERENTES TIEMPOS DE EXPOSICIÓN A ALTAS TEMPERATURAS AVALIAÇÃO DO COMPORTAMENTO DE ARGILAS SUBMETIDAS A DIFERENTES TEMPOS DE EXPOSIÇÃO A ALTAS TEMPERATURAS BEHAVIOR EVALUATION OF CLAYS SUBJECTED TO DIFFERENT EXPOSURES TIMES AT HIGH TEMPERATURES

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Hugo Alexánder Rondón

    2011-12-01

    Full Text Available El artículo presenta el cambio que experimentan dos arcillas en sus propiedades índice, de expansión y resistencia a la compresión inconfinada cuando se someten a altas temperaturas (150, 225 y 300 °C durante tres tiempos de exposición (1, 7 y 15 días. Además se estudió si las arcillas recuperan las propiedades mencionadas después de ser sometidas a altas temperaturas y de ser nuevamente expuestas a la temperatura ambiente durante una semana en el laboratorio. El objetivo general de la investigación es evaluar si la aplicación de temperatura puede utilizarse como mecanismo de estabilización de arcillas o fabricación de llenante mineral. Los resultados muestran que la plasticidad, el potencial de expansión y la resistencia a la compresión simple de las arcillas ensayadas disminuyen cuando se eleva la temperatura de las muestras entre 150 ºC y 300 ºC y se incrementa el tiempo de exposición. También se encontró que la recuperación de las propiedades de las arcillas es nula cuando se someten a 300 °C durante 15 días.O artigo apresenta a mudança que experimentam duas argilas em suas propriedades índice, de expansão e resistência à compressão não confinada quando se submetem a altas temperaturas (150, 225 e 300 °C durante três tempos de exposição (1,7 e 15 dias. Ademais estudou-se se as argilas recuperam as propriedades mencionadas, após ser submetidas a altas temperaturas e de ser novamente expostas à temperatura ambiente durante uma semana no laboratório. O objetivo geral da pesquisa é avaliar se a aplicação de temperatura pode ser utilizada como mecanismo de estabilização de argilas ou fabricação de filler mineral. Os resultados mostram que a plasticidade, o potencial de expansão e a resistência à compressão simples das argilas ensaiadas diminuem quando se eleva a temperatura das mostras entre 150 ºC e 300 ºC e se incrementa o tempo de exposição. Também se encontrou que a recuperação das

  3. Inactivation kinetics of peroxidase from coconut waterCinética de inativação da peroxidase em água de coco

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Gabrielle Cardoso Reis Fontan

    2012-04-01

    Full Text Available The aim of this project was study the thermal inactivation kinetics of the peroxidase enzyme (POD present in the green coconut water, being determined the parameters D values, z value and Q10, besides the Arrhenius’ activation energy (Ea to the process. Nine time/temperature binomials for the thermal treatment at three temperatures (75°C, 85°C and 95°C and maintenance times from 1min to 30 min, besides a control sample without thermal treatment. D values were obtained by linear regression, being equals to 833,3 min, 35,6min and 1,63min at 75°C, 85°C and 95°C, respectively, while the z value was equal to 7,4°C. These values demonstrate that POD of coconut water is thermal resistant to inactivation, being such processes strongly affected by temperature. Such fact is also verified by the high values of Ea (332,3 kJ/mol and Q10 (22,7, which indicate that a high amount of energy is required for the POD inactivation and an increase of temperature elevate the inactivation rate.Este trabalho teve como objetivo estudar a cinética de inativação térmica da enzima peroxidase (POD presente na água de coco verde, determinando-se os valores dos parâmetros D, z e Q10, além da energia de ativação (Ea de Arrhenius para o processo. Foram avaliados nove binômios tempo/temperatura para o tratamento térmico em três temperaturas (75°C, 85°C e 95°C e tempos de manutenção variando de 1min a 30min, além da amostra sem tratamento térmico. Os valores de D foram determinados por meio de regressão linear, obtendo-se os valores de 833,3min., 35,6min. e 1,63min., para as temperaturas de 75°C, 85°C e 95°C, respectivamente, enquanto o valor de z foi igual a 7,4°C. Esses valores demonstraram que a POD da água de coco é resistente à inativação térmica, sendo tal processo fortemente afetado pela temperatura utilizada. Tal fato foi reforçado pelos altos valores da Ea (332,3kJ/mol e Q10 (22,7, que indicaram que uma alta quantidade de energia

  4. Efecto de los parámetros de deformación y de la temperatura de precalentamiento sobre la temperatura de no recristalización en aceros microaleados con Nb y Nb-Ti

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Abad Lera, Raquel

    2001-02-01

    últiples pasadas, realizados en condiciones de enfriamiento continuo. Se ha analizado la influencia que, sobre (Tnr, ejercen los diferentes parámetros de deformación: tiempo entre pasadas (tep, deformación por pasada (ε, y velocidad de deformación (έ, así como la temperatura de precalentamiento del material (T. En el rango de tiempos cortos entre pasadas Tnr, los elementos en solución son los únicos responsables del retraso en la recristalización, produciéndose una disminución de (Tnr conforme aumenta el tiempo entre pasadas. Para tiempos intermedios tiene lugar la precipitación, lo que da lugar a un aumento de (Tnr. Sin embargo, en el rango de tiempos de espera prolongados (tep > 60 s, las partículas precipitadas aumentan de tamaño perdiendo su efectividad como agentes retardadores de la recristalización y produciendo, de nuevo, una disminución de la temperatura de no recristalización. A medida que el valor de la deformación por pasada aumenta, disminuye Tnr pudiéndose establecer una relación del tipo: Tnr = β∙ε. Análogamente, un aumento de la velocidad de deformación se traduce en un descenso de la temperatura de no recristalización. Elevar la temperatura de precalentamiento supone elevar la cantidad de elemento disuelto disponible para la precipitación a temperaturas más bajas, lo que genera un incremento en la temperatura de no recristalización.

  5. Temperature and modified atmosphere affect the quality of okra Temperatura e atmosfera modificada influenciam a qualidade do quiabo

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fernando Luiz Finger

    2008-01-01

    Full Text Available Little information is available on the influence of temperature on plastic films wrapped okra (Albelmoschus esculentus for their postharvested conservation. This works investigated the influence of the temperature and PVC film on the development of chilling injury and storability from one of the most popular Brazilian cultivar of okra cv. Amarelinho in fruits stored at 5, 10ºC and at 25ºC. Fruits were harvest at commercial maturity stage with length ranging from 8 to 12 cm, and immediately wrapped in PVC over a polystyrene tray and than stored until visible deterioration or wilting symptoms. Lowering the temperature of storage room from 25 to 10 or 5ºC decreased the weight loss in both PVC wrapped and control fruits, with a lower rate at 5ºC. By reducing the temperature to 5 or 10ºC and wrapping the fruits in PVC film, the relative water content of the fruit pericarp was maintained throughout the storage, while at 25ºC the high weight loss was associated with significant reduction of the water content. The development of chilling symptoms was delayed by the presence of PVC film in fruits stored at 5ºC. However, at 10ºC symptoms of pitting were not developed in PVC wrapped or control fruits up to tenth day of storage. The rate of chlorophyll degradation was diminished by reducing the temperature and by wrapping the fruits with PVC film. The appearance of severe chilling symptoms at 5ºC was associated to less chlorophyll in the fruit pericarp on the control as compared to their content in the PVC wrapped fruits.Para o armazenamento do quiabo (Albelmoschus esculentus há poucas informações disponíveis sobre a influência da temperatura e filmes plásticos na conservação pós-colheita desta hortaliça. Para investigar a influência da temperatura e do filme de PVC na qualidade e desenvolvimento de sintomas de injúria por frio de uma das mais populares cultivares brasileira de quiabo cv. Amarelinho, os frutos foram armazenados a 5, 10

  6. Wssv y temperatura, inmunoestimulantes, vitaminas... ¿cómo se relaciona todo?

    OpenAIRE

    Rodriguez, Jenny; Echeverría, Fabrizio; Sonneholznher, Stanislaus; Molina, César; Gullian, Mariel

    2001-01-01

    WSSV y temperatura, inmunoestimulantes, vitaminas... ¿Cómo se relaciona todo? Los experimentos desarrollados a la fecha indican que a temperatura de 33°C disminuye tanto la prevalencia (porcentaje de animales positivos) como la intensidad de la infección en juveniles y en larvas (Boletín Septiembre 15).

  7. Flutuações de temperatura e umidade do solo em resposta à cobertura vegetal Soil temperature and moisture fluctuations in response to vegetation cover

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Milson L. de Oliveira

    2005-12-01

    Full Text Available Com o objetivo de verificar as flutuações de temperatura e umidade do solo em resposta à cobertura vegetal, realizou-se um experimento com sete diferentes situações de cobertura do solo, constituídas por solo sem cobertura, presença de vegetação espontânea, cultivo de mucuna e plantio de milho a 0, 30, 60 e 90º em relação ao eixo leste-oeste. Dois meses após a semeadura, em janeiro de 1999, por igual período determinou-se o sombreamento nas entrelinhas do milho, às 8:30, 12:30 e 16:30 h, como também, para todos os tratamentos, a temperatura e umidade do solo nas profundidades de 2,5, 5,0 e 7,5 cm; constatou-se diferença no sombreamento entre o cultivo de milho a 0º e os outros ângulos testados nas determinações matutina e vespertina, mas tais diferenças não foram acompanhadas pela temperatura do solo que, neste caso, registrou valores intermediários entre o solo sem cobertura e os tratamentos com vegetação espontânea e mucuna. No tratamento sem cobertura verificou-se a maior amplitude de variação da temperatura ambiente acima da superfície do solo, registrando-se os menores valores de umidade e os maiores de temperatura do solo.An experimental study was carried out to evaluate the fluctuations of temperature and soil moisture in response to vegetation cover, using the following treatments: bare soil, natural weed cover, velvet bean, and maize at 0, 30, 60 and 90º in relation to a east-west axis. Two months after sowing in January 1999, for similar period the shadowed area between the lines at 8:30, 12:30 and 16:30 h, as well as for all treatments, the temperature and soil moisture at 2.5, 5.0 and 7.5 cm depths were measured. Differences in shadowing between maize cultivated at 0º and all other angles were observed in both morning and afternoon measurements. However, these differences were not accompanied by soil temperature, which showed intermediary values between the bare soil and the treatments with natural

  8. GerminaÃÃo e crescimento de plÃntulas de Libidibia ferrea Mart. ex. Tul. em funÃÃo do peso de semente e condiÃÃes de temperatura e luz

    OpenAIRE

    Fernanda Melo Gomes

    2014-01-01

    O objetivo deste trabalho foi estudar a germinaÃÃo de sementes e o estabelecimento de plÃntulas de Libidibia ferrea em funÃÃo do peso de semente, temperatura e luz. As sementes de L. ferrea foram separadas em trÃs classes de peso (leves, mÃdias e pesadas) e foram realizados em laboratÃrio os bioensaios de temperatura e luz, alÃm do experimento de sombreamento em casa de vegetaÃÃo. Para o experimento em laboratÃrio, o crescimento da parte aÃrea de plÃntulas apresentou melhor desempenho sob a a...

  9. Metal temperature monitoring in corrosive gases at high temperature and high thermal flows; Monitoreo de temperaturas de metal en gases corrosivos a alta temperatura y altos flujos termicos

    Energy Technology Data Exchange (ETDEWEB)

    Huerta Espino, Mario; Martinez Flores, Marco Antonio; Martinez Villafane, Alberto; Porcayo Calderon, Jesus; Gomez Guzman, Roberto; Reyes Cervantes, Fernando [Instituto de Investigaciones Electricas, Cuernavaca (Mexico)

    1991-12-31

    The direct measurement of metal temperatures during operation in superheater, reheater, and water wall tubes in zones exposed to high thermal flows is of great interest for the operation and analysis of the correct functioning of a steam generator. The operation temperature measurement of these zones differs very much of the monitored temperature in headers in the dead chamber, since the temperature measured in this zone is the steam temperature that does not reflect the one detected in the gas zone. For this reason, the thermocouples implant in gas zones will detect the real metal temperature and the incidence that some operation variables might have on it (Martinez et al., (1990). [Espanol] La medicion directa de temperaturas de metal durante operacion en tubos de sobrecalentador, recalentador y pared de agua en zonas expuestas a altos flujos termicos es de gran interes para la operacion y analisis del buen funcionamiento de un generador de vapor. La medicion de la temperatura de operacion de estas zonas, difiere mucho de la temperatura monitoreada en cabezales en zona de camara muerta, ya que la temperatura registrada en esta zona es la de vapor que no es un reflejo de la detectada en zona de gases. Por esta razon, la implantacion de termopares en zona de gases detectara la temperatura de metal real y la incidencia que algunas variables de operacion tengan sobre esta (Martinez et al., 1990).

  10. Metal temperature monitoring in corrosive gases at high temperature and high thermal flows; Monitoreo de temperaturas de metal en gases corrosivos a alta temperatura y altos flujos termicos

    Energy Technology Data Exchange (ETDEWEB)

    Huerta Espino, Mario; Martinez Flores, Marco Antonio; Martinez Villafane, Alberto; Porcayo Calderon, Jesus; Gomez Guzman, Roberto; Reyes Cervantes, Fernando [Instituto de Investigaciones Electricas, Cuernavaca (Mexico)

    1990-12-31

    The direct measurement of metal temperatures during operation in superheater, reheater, and water wall tubes in zones exposed to high thermal flows is of great interest for the operation and analysis of the correct functioning of a steam generator. The operation temperature measurement of these zones differs very much of the monitored temperature in headers in the dead chamber, since the temperature measured in this zone is the steam temperature that does not reflect the one detected in the gas zone. For this reason, the thermocouples implant in gas zones will detect the real metal temperature and the incidence that some operation variables might have on it (Martinez et al., (1990). [Espanol] La medicion directa de temperaturas de metal durante operacion en tubos de sobrecalentador, recalentador y pared de agua en zonas expuestas a altos flujos termicos es de gran interes para la operacion y analisis del buen funcionamiento de un generador de vapor. La medicion de la temperatura de operacion de estas zonas, difiere mucho de la temperatura monitoreada en cabezales en zona de camara muerta, ya que la temperatura registrada en esta zona es la de vapor que no es un reflejo de la detectada en zona de gases. Por esta razon, la implantacion de termopares en zona de gases detectara la temperatura de metal real y la incidencia que algunas variables de operacion tengan sobre esta (Martinez et al., 1990).

  11. Influência da época seca na qualidade do aporte foliar em floresta semidecidual

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rafael Nogueira Scoriza

    2014-09-01

    Full Text Available A serrapilheira apresenta uma importante função na ciclagem de nutrientes florestais, sendo as folhas as principais transportadoras desses nutrientes. Como a dinâmica da Floresta Estacional Semidecidual é fortemente demarcada pelos fatores climáticos, o objetivo deste trabalho é avaliar a influência temporal da temperatura e precipitação no aporte de carbono (C e nitrogênio (N foliares em fragmentos florestais. O estudo foi desenvolvido em cinco fragmentos florestais em Sorocaba, SP, onde foram demarcadas dez parcelas de 100m2, sendo instalados três coletores cônicos de 0,25m2 em cada. A coleta da serrapilheira foi feita de março a julho de 2008, onde o material foliar foi separado do restante da serrapilheira. Para a avaliação do teor de C e N foram sorteadas cinco amostras por mês, sendo estas moídas e analisadas. O teor e a quantidade de C e N apresentaram diferenças entre os meses. O carbono esteve diretamente relacionado com a quantidade de folhas aportadas enquanto que o nitrogênio esteve relacionado diretamente com a temperatura e a precipitação.

  12. Coeficiente de digestibilidade verdadeira dos aminoácidos e valores de aminoácidos digestíveis do milho submetido a diferentes temperaturas de secagem e períodos de armazenamento True digestibility of amino acids and digestible amino acids values of corn samples submitted to different drying temperatures and storage periods

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Débora Cristine de Oliveira Carvalho

    2009-05-01

    Full Text Available Determinou-se o coeficiente de digestibilidade verdadeira dos aminoácidos de amostras de milho submetidas a diferentes temperaturas de secagem (temperatura ambiente e secagem artificial a 80, 100 e 120°C e períodos de armazenamento (0, 60, 120 e 180 dias. A digestibilidade verdadeira dos aminoácidos foi determinada pelo método de "alimentação forçada" utilizando-se galos Leghorn adultos cecectomizados, alojados individualmente em baterias metálicas. Utilizou-se delineamento inteiramente casualizado em esquema fatorial 4 × 4 (quatro temperaturas de secagem e quatro períodos de armazenamento com um galo por unidade experimental e oito repetições por temperatura de secagem e período de armazenamento. As perdas endógenas foram determinadas com galos em jejum. O aumento da temperatura de secagem ocasionou redução linear da digestibilidade de metionina + cistina e isoleucina e efeito quadrático sobre a digestibilidade de metionina, treonina, lisina, triptofano e fenilalanina. Os maiores coeficientes de digestibilidade de metionina, treonina, lisina, triptofano e fenilalanina foram observados nas temperaturas 40, 25, 27, 32 e 40°C, respectivamente, obtidas por equação de regressão. Observou-se redução linear da digestibilidade de metionina e treonina com o tempo de armazenamento. A temperatura de secagem e o tempo de armazenamento dos grãos de milho reduzem a digestibilidade da maioria dos aminoácidos.The objective of this experiment was to determine the true digestibility (TD of amino acids from corn samples submitted to different drying temperatures (room temperature and artificial drying at 80, 100 and 120°C, and different storage periods (0, 60, 120 and 180 days. The TD of amino acids was determined by the forced feeding method using cecectomized adult Leghorn roosters, placed in individual cages. A 4 × 4 factorial arrangement was used (four drying temperatures and four storage periods, in a completely randomized design

  13. Umedecimento do substrato, temperatura na germinação e vigor de sementes de Bixa orellana L.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    F. H. M. Sousa

    2015-12-01

    Full Text Available A Bixa orellana L., é uma planta originária da América Tropical, pertencente à família Bixaceae, cujos frutos são cápsulas recobertas de espinhos, ovóides que contém em torno de 40 a 50 sementes e possuem um pigmento natural muito utilizado na indústria alimentícia. Estudos sobre a germinação do urucum são essenciais para otimizar a propagação sexuada, em relação a temperatura e ao volume de água no substrato, papel toalha Germitest, que melhor expresse a germinação . O objetivo foi avaliar diferentes volumes de água para o umedecimento do substrato e temperatura na germinação e vigor de sementes de Bixa orellana L. O experimento foi desenvolvido no Laboratório de Análise de Sementes da Universidade Federal do Tocantins-UFT, campus de Gurupi (TO avaliando parâmetros de germinação, sementes mortas, o Índice de velocidade de germinação, crescimento e massa seca de plântulas em delineamento inteiramente casualizado no esquema fatorial 2x4 (temperaturas e volumes de água, com quatro repetições de 25 sementes para cada tratamento.  O tratamento para superação de dormência pode não ter sido eficaz devido à baixa porcentagem de germinação das sementes nas duas temperaturas, sendo que a 30ºC foram observados os melhores resultados. Na temperatura de 25°C esses valores variaram de 13 a 19% e de 18 a 29% na de 30°C. O teste de massa seca sugere que quantidades de água superior a 2,5 vezes ao peso seco do substrato papel podem afetar negativamente o vigor e substrato pouco umedecido limita a germinação das sementes.Moistening of the substract, temperature on the germination and vigor of Bixa orellana L. seedsAbstract: The Bixa orellana L., is a native plant of the Tropical America, belonging to the family Bixaceae, whose fruits are capsules covered with thorns, ovoids that contains around 40 to 50 seeds and possess a natural pigment much used in the food industry. Studies on germination are essential to

  14. Determinação e análise das constantes de tempo de um sensor anelar de temperatura em leito fixo - DOI: 10.4025/actascitechnol.v25i1.2225

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luiz Mario de Matos Jorge

    2003-04-01

    Full Text Available Neste trabalho foi desenvolvida uma metodologia teórico-experimental que possibilitou a determinação e a análise das constantes de tempo dos cinco termopares que compõem um sensor anelar de temperatura instalado em leito fixo. Para tal, foram efetuadas perturbações tipo degrau na temperatura do ar que passa pelo sensor, sendo as respostas térmicas registradas mediante medidas periódicas de temperatura até que o sensor alcançasse a condição de regime permanente. Posteriormente, as constantes de tempo foram estimadas a partir do ajuste de um modelo matemático do sensor por regressões lineares. Tanto o modelo matemático como a técnica utilizada para o ajuste das constantes de tempo foram adequados. Cada um dos termopares que compõem o sensor anelar apresentou constantes de tempo distintas. O termopar anelar externo, r = 0,027m, e o termopar central, r = 0m, apresentam o maior e o menor valor de constante de tempo, respectivamente, independentemente da vazão utilizada.

  15. EXTRAÇÃO DE LIPÍDEOS DA AMÊNDOA DE CASTANHA DE CAJU COM CO2 SUPERCRÍTICO

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    LAMEIRA Claudia Pilar

    1997-01-01

    Full Text Available Nos últimos anos, vem crescendo o interesse em alimentos com baixo índice de calorias. Nos métodos tradicionais de extração de lipídeos com solventes orgânicos, devido as condições de extração, a integridade dos compostos extraídos e da matriz pode ser afetada pela decomposição térmica ou por contaminação pelo solvente. A extração com fluido supercrítico (EFSC pode proporcionar um método alternativo para remover lipídeos, sem que haja redução significativa nas propriedades organolépticas do produto. O objetivo deste trabalho é extrair parcialmente o óleo contido na amêndoa da castanha de caju (Anacardium occidentale com dióxido de carbono (CO2 supercrítico em condições de pressão de 100-170 bar e temperatura de 40-80 (C, para obter um produto de valor calórico reduzido que poderá ser usado como substituto para o amendoim e outras amêndoas na indústria de confeitos. Os experimentos foram realizados em um extrator de 300 ml, dispondo de sistemas de agitação magnética e variação de temperatura. Os resultados experimentais mostraram que o aumento da pressão acarretou um aumento na eficiência de extração. O efeito da temperatura foi o mesmo porém menos significativo.

  16. Qualidade fisiológica de sementes de Ocimum selloi benth: sob condições de luz, temperatura e tempo de armazenamento Physiological quality of Ocimum selloi Benth: seeds under conditions of light, temperature and storage time

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Larissa Corrêa do Bomfim Costa

    2010-06-01

    Full Text Available O atroveran ou elixir-paregórico (Ocimum selloi Benth. é uma espécie aromática nativa do Brasil, produtora de óleo essencial rico em metil-chavicol. Neste trabalho, objetivou-se avaliar a influência da temperatura, luz e tempo de armazenamento em diferentes ambientes sobre a germinação e o vigor de sementes de O. selloi. Inicialmente, testou-se o efeito da presença e ausência de luz branca sob fotoperíodo de 12 horas para determinar o fotoblastismo das sementes em diferentes temperaturas (20, 25, 30 e 35ºC. Em seguida, testou-se a germinação e emergência no armazenamento sob duas temperaturas (ambiente e câmara fria aos 0, 2, 4, 6, 8 10 e 12 meses de armazenamento. A espécie foi classificada como fotoblástica neutra, apresentando germinação em ampla faixa de temperatura (20 a 30ºC. A germinação das sementes manteve-se por doze meses de armazenamento em câmara fria e à temperatura ambiente, entretanto, o vigor decresce a partir de seis meses em armazenamento sob temperatura ambiente."Atroveran" or "elixir-paregórico" (Ocimum selloi Benth. is a Brazilian species that produces an essential oil rich in methyl chavicol. This work aimed to evaluate the influence of light, temperature and time of storage in different environments on the germination and vigor of O. selloi seeds. We initially tested the influence of presence and absence of white light in a 12-hour photoperiod to determine the photoblastism of the seeds under different temperatures (20, 25, 30 and 35ºC. The physiological quality of seeds conserved under two temperatures (room temperature and cold chamber was tested at 0, 2, 4, 6, 8 10 and 12 months of storage. The species was classified as neutral photoblastic with germination at a wide temperature range (20ºC-30°C. Germination was maintained for twelve months of storage in cold chamber at room temperature, but the vigor was reduced in seeds kept at room temperature after the sixth month of storage.

  17. Indução floral de limeiras ácidas 'Tahiti' submetidas a baixas temperaturas Flower induction of acid lime trees 'Tahiti' subjected to low temperature

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Dierlei dos Santos

    2011-03-01

    Full Text Available Este trabalho foi realizado com o objetivo de quantificar a necessidade de acúmulo de horas de frio para a floração da limeira ácida 'Tahiti', sem a aplicação de deficiência hídrica, além de avaliar as trocas gasosas e fluorescência da clorofila a em condições de baixa temperatura e baixa luminosidade. O experimento foi conduzido em Viçosa-MG, Brasil, com plantas de limeira ácida 'Tahiti', enxertadas sobre limoeiro 'Cravo', cultivadas em vasos de 12 litros. O delineamento utilizado foi o inteiramente casualizado, com sete tratamentos e quatro repetições, com uma planta por parcela. A partir do dia 01/02/2008 até o dia 30/04/2008, quatro plantas foram retiradas da câmara de crescimento (CC (temperatura: 16/12°C (dia/noite; umidade relativa: 70%; fotoperíodo: 10 horas; densidade de fluxo de fótons fotossintéticos: 100µmol m-2 s-1 a cada 15 dias e levadas para a casa de vegetação (CV sem controle ambiental, totalizando sete datas de transferência. A exposição de plantas a baixas temperaturas, sob condições controladas não causou alterações significativas nas características de fluorescência da clorofila a, mas causou redução de 80% nas trocas gasosas. Entretanto, essa redução não prejudicou a floração das plantas. As plantas expostas a condições não indutoras apenas emitiram brotações vegetativas, enquanto aquelas submetidas a baixas temperaturas, quanto maior foi o tempo de exposição, maior foi o número de flores emitidas.The research was realized to quantify the need for accumulation hours under low temperatures to the acid lime 'Tahiti' flowering, without water application and beyond evaluating gas exchange and chlorophyll a fluorescence under low temperature and light. The experiment was conducted in Viçosa-MG, Brazil, with plants from acid lime 'Tahiti' grafted on Rangpur lime grown in pots of 12 liters. The design was completely randomized with seven treatments and four replicates with one

  18. Estádio da meiose do micrósporo como marcador do final da endodormência em pessegueiro

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    CITADIN IDEMIR

    2002-01-01

    Full Text Available O objetivo deste trabalho foi testar a validade da técnica da meiose polínica como marcador do final da endodormência em pessegueiro, em condições de inverno subtropical. Determinou-se o número de unidades de calor (GDHºC - Growing Degree Hour Celsius acumulado desde 1º de maio até o final da meiose e desta até 10 e 50 % de florescimento. Foram efetuadas correlações entre tétrades + pólen versus GDHºC e tétrades + pólen versus número de horas de frio (temperaturas do ar £ 7,2 ºC, nas diferentes datas de observação compreendidas entre 1º de maio e final da meiose. Pelos resultados dos dois anos de observação, verificou-se que há necessidade de calor para que as células-mãe de pólen atinjam o estádio de tétrades. O método da meiose polínica mostrou-se inadequado como marcador do final da endodormência em pessegueiro.

  19. Influência da precipitação na qualidade da água do Rio Purus Impacts of precipitation on the water quality of the Purus River

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ana Elisa Pereira Silva

    2008-12-01

    Full Text Available Os impactos da precipitação na qualidade da água ao longo do rio Purus, localizado no estado do Amazonas, foi investigado por meio de dados de precipitação, estimada por satélites, e informações sobre a temperatura da água, condutividade, pH, turbidez, oxigênio dissolvido e sólidos suspensos totais, adquiridas em quatro diferentes áreas ao longo do rio. Os resultados mostraram correlação negativa entre precipitação e turbidez e positiva entre precipitação e temperatura, condutividade, oxigênio dissolvido, sólidos suspensos totais e pH. O uso do solo, juntamente com o regime de precipitação, parecem ser os fatores principais que determinam a qualidade da água nos pontos de amostragem.The impacts of precipitation on the water quality along the Purus River, located in the Brazilian State of the Amazonas, was investigated using data of precipitation estimated by satellite and information about water temperature, conductivity, pH, turbidity, dissolved oxygen and total suspended solids. The data were acquired in four different areas along the river. The results showed negative correlation between precipitation and turbidity. They also showed positive correlation between precipitation and temperature, conductivity, dissolved oxygen, total suspended solids and pH. The land use together with the rainfall regime seems to be the main sources of impact on the water quality around the sampling places.

  20. Variação na temperatura do solo em três sistemas de manejo na cultura do feijão Soil temperature variation in three different systems of soil management in blackbeans crop

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Vanderlei Rodrigues da Silva

    2006-06-01

    Full Text Available A temperatura do solo é uma propriedade que afeta diretamente o crescimento das plantas e é influenciada pelo balanço de energia na superfície do solo. Dessa maneira, os sistemas de manejo do solo têm efeito na temperatura, visto que alteram as condições da superfície do solo. O objetivo deste estudo foi determinar o efeito de três sistemas de manejo na temperatura do solo durante todo o ciclo do feijoeiro. O delineamento experimental foi de blocos ao acaso, com os seguintes preparos do solo: plantio direto há sete anos (PD; plantio direto revolvido por uma aração e uma gradagem (PDar e plantio direto revolvido por escarificador (PDesc, distribuídos em quatro blocos. O solo do experimento é classificado como Argissolo Vermelho-Amarelo distrófico arênico. A temperatura do solo foi determinada durante todo o ciclo do feijoeiro, realizando-se leituras a cada 10 min, em um sistema automatizado de coleta de dados, com sensores do tipo termopar (cobre-constantan, instalados na profundidade de 0,025 m e a 0,10 m. Foram determinadas a densidade do solo e a produtividade do feijoeiro. Durante todo o ciclo do feijoeiro, o PD apresentou a menor temperatura máxima e a menor amplitude diária entre os sistemas de manejo. Na profundidade de 0,025 m, o PDar apresentou temperatura máxima de 42,2 °C, o PDesc de 43,7 °C e o PD de 36,1 °C. A variação diária da temperatura do solo num dia com 12 h de sol, no início do desenvolvimento das plantas (02/12/2002, indicou que a maior temperatura ocorreu próximo às 15 h, com valores de 40 ºC, no PDar, e 30 ºC, no PD, na profundidade de 0,025 m. Quando as plantas sombreavam o solo, não houve diferenças na temperatura do solo entre os sistemas de manejo. As diferenças na temperatura do solo não provocaram diferenças na produtividade de grãos do feijoeiro, haja vista que os maiores efeitos da temperatura do solo ocorrem na germinação e emergência das plântulas.Soil temperature is a

  1. Níveis de proteína bruta para leitoas dos 30 aos 60 kg mantidas em ambiente de alta temperatura (31ºC

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Orlando Uislei Antonio Dias

    2001-01-01

    Full Text Available O experimento foi conduzido para avaliar níveis de proteína bruta (PB para leitoas em crescimento, mantidas em ambiente de alta temperatura. A temperatura interna da sala foi mantida em 30,7 ± 0,61°C; a umidade relativa, em 66,4 ± 7,7%; e o índice de temperatura de globo e umidade (ITGU foi calculado em 81,1 ± 1,36. Foram utilizadas 40 leitoas mestiças, com peso inicial médio de 29,7 ± 1,60 kg, em delineamento de blocos ao acaso com cinco tratamentos (16, 17, 18, 19 e 20% de PB, quatro repetições e dois animais por unidade experimental. As rações experimentais isoenergéticas (3400 kcal de ED/kg de ração foram formuladas para satisfazer as exigências dos animais, exceto em PB. Ração e água foram fornecidas à vontade até o final do experimento, quando os animais atingiram peso médio de 60,0 ± 1,93 kg. Os tratamentos não influenciaram o ganho de peso. Entretanto, a conversão alimentar melhorou de forma quadrática até o nível de 18,26%. Os consumos diários de proteína e lisina aumentaram linearmente em razão do nível de PB da ração, porém não se observou efeito dos tratamentos sobre os consumos de ração e de energia digestível diários. A taxa de deposição diária de gordura (TDG na carcaça variou de forma quadrática, reduzindo até o nível de 19,48% de PB, enquanto a de proteína (TDP aumentou de forma linear. Apesar dos efeitos quadrático e linear dos tratamentos sobre a TDG e a TDP, respectivamente, o modelo "Linear Response Plateau" (LRP foi o que melhor se ajustou aos dados, estimando-se em 18,38 e 18,12% os níveis de PB, a partir dos quais a TDG e a TDP permaneceram em um platô. Leitoas em crescimento, mantidas em ambiente de alta temperatura, exigem 18,26% de PB na ração para melhor desempenho e composição de carcaça.

  2. Termografia infravermelha da superfície ocular como indicador de estresse em suínos na fase de creche

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Lina Fernanda Pulido-Rodríguez

    Full Text Available RESUMO: Desmama é uma fase crítica na vida do suíno devido a separação materna e a introdução de uma dieta seca. A termografia infravermelha medida na região ocular se mostra como um indicador confiável para a condição de estresse pontual de suínos. O objetivo deste estudo foi determinar a relação entre medidas de termografia infravermelha da superfície ocular e de cortisol em situações de estresse em leitões na pós desmama. Foram avaliados 66 leitões, uma vez por semana, durante sete semanas, em dois períodos do dia (7h e 15h com medidas de temperatura superficial ocular, temperatura superficial do dorso e amostras de saliva para determinação de cortisol salivar. A análise estatística contemplou os efeitos fixos de semana e período do dia e sua interação e correlações de Pearson para relação entre termografia ocular, temperatura superficial e cortisol a 5% de significância. Cortisol salivar não diferiu entre os períodos, mas foi superior nas três primeiras semanas após o desmame (P<0,05. Nas duas primeiras semanas após a desmama o cortisol apresentou correlação alta e positiva (P<0,05 com a temperatura ocular máxima (0,89 e a temperatura superficial do dorso (0,80. As duas temperaturas superficiais apresentaram uma associação moderada positiva (r=0,41; P<0,0001 durante todo o período experimental. Este estudo destaca que a temperatura de superfície ocular obtida por meio da termografia infravermelha pode ser um indicador de temperatura de superfície corporal e estado de bem-estar de leitões em fase de creche, além de ser um método não invasivo e de rápida mensuração. Entretanto, mais pesquisas são necessárias para aprofundar a relação entre temperatura ocular e cortisol durante estresse crônico.

  3. Dinâmica populacional da mariposa oriental em pomares de pessegueiro e ameixeira

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Hickel Eduardo Rodrigues

    2003-01-01

    Full Text Available O objetivo deste trabalho foi estudar a dinâmica populacional da mariposa oriental [Grapholita molesta (Busk] em pomares de pessegueiro e ameixeira. Os adultos foram monitorados em dois pomares de pessegueiro e um de ameixeira por cinco anos. Séries temporais equivalentes de temperaturas máximas e mínimas foram correlacionadas aos dados de flutuação populacional para se aferir a correspondência entre a ocorrência da praga e as flutuações de temperatura. A análise de Fourier das séries temporais das armadilhas de coleta de mariposas revelou dinâmicas cíclicas, com período principal médio de 53,91 semanas. Um período menor médio, de 7,45 semanas, também ficou evidente e se aproxima do tempo médio de geração do inseto. A análise do espectro de potência das séries temporais, com e sem periodicidade, revelou que a dinâmica populacional de G. molesta possui um componente regular, caracterizado pelos períodos observados, e outro componente irregular, reminiscente de ruído 1/f, caracterizado pelas variações de amplitude, aparentemente irregulares, na ocorrência do inseto. A combinação desses dois componentes ocasiona um processo com domínio de baixas freqüências, próprio das dinâmicas periódicas ruidosas. Os ciclos de aparecimento da praga ocorrem em fase com os ciclos de flutuação de temperaturas máximas e mínimas.

  4. A temperature response function for development of the chrysanthemum (Chrysanthemum x morifolium Ramat. Uma função de resposta do desenvolvimento à temperatura em crisântemo (Chrysanthemum x morifolium Ramat.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Nereu Augusto Streck

    2004-02-01

    Full Text Available Developmental models can help growers to decide management practices, and to predict flowering and harvest time. Currently, a double exponential function is proposed as a generalized temperature response function for chrysanthemum. This function is not the most appropriate because its parameters lack biological meaning. The objective of this study was to develop a nonlinear temperature response function of chrysanthemum development that has parameters with biological meaning. The proposed function is a beta function with three parameters, the cardinal temperatures (minimum, optimum, and maximum temperatures for development, which were defined as 0, 22, and 35ºC. Published data of temperature response of development of three cultivars, which are independent data sets, were used to test the performance of the double exponential function and the beta function. Results showed that the beta function is better than the double exponential function to describe the temperature response of chrysanthemum development.Modelos de desenvolvimento podem ajudar os produtores no manejo e no planejamento da época de florescimento e colheita. Atualmente, a resposta térmica do desenvolvimento do crisântemo é modelada por uma função exponencial dupla, a qual não é completamente adequada porque os seus parâmetros não têm interpretação biológica. O objetivo deste estudo foi desenvolver uma função de resposta do desenvolvimento à temperatura em crisântemo que tenha parâmetros com interpretação biológica. A função proposta é uma função beta com três parâmetros, que são as temperaturas cardinais (temperaturas mínima, ótima e máxima de desenvolvimento, definidas como 0, 22 e 35ºC. Dados independentes da resposta do desenvolvimento à temperatura em três cultivares de crisântemo publicados na literatura foram usados para testar as duas funções de resposta. Os resultados mostraram que a função beta é melhor do que a fun

  5. Modelagem matemática e difusividade efetiva do processo de secagem do miolo da macambira

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Julianne Viana Freire Portela

    2014-06-01

    Full Text Available A macambira (Bromelia laciniosa M. é uma bromélia com grande potencialidade agrícola, energética, mas escasso embasamento científico. Assim, este trabalho objetivou avaliar as condições operacionais para a secagem convectiva do miolo da macambira, a fim de gerar um produto seco viável do ponto de vista tecnológico e com possibilidade de aplicação na alimentação humana. A matéria-prima com espessura de 2,5mm e umidade média inicial de 87,20% foi disposta em bandejas no secador de bandejas, utilizando como variáveis do processo a temperatura do ar (43, 49 e 560C e a variável fixa velocidade do ar igual a 1,0m.s-1. Após a execução dos experimentos realizou-se o estudo da cinética de secagem e a modelagem matemática (Fick, Page e empírico de dois parâmetros das curvas experimentais como forma de definir a melhor condição de processo. O aumento da temperatura refletia no incremento dos valores de difusividade efetiva de água, sendo estes com ordem de grandeza de 10-10 m2.s-1 e, tendo o modelo empírico exponencial de dois parâmetros como o que melhor se ajustou aos dados experimentais A temperatura de 560C resultou em secagem mais rápida e mais eficiente com umidade final de 12,61%.

  6. Temperatura óptima y etapa fenológica para determinar la termoestabilidad de la membrana celular en maíz y frijol

    OpenAIRE

    Castro Nava, S

    2013-01-01

    La necesidad de encontrar plantas tolerantes al calor obliga a buscar nuevas estrategias de medición de esta respuesta. La termoestabilidad de la membrana celular mediante la medición de la pérdida de electrolitos por daños ocasionados a la membrana es un criterio fisiológico de selección indirecto. Sin embargo, es necesario realizar adaptaciones al método original dependiendo de la especie. El objetivo del estudio fue probar tres niveles de temperatura en el método de termoestabilidad de la ...

  7. Sintomas da injúria por frio em Heliconia spp

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    GUSTAVO JONNAS S. M. BEZERRA

    2008-07-01

    Full Text Available As helicônias, entre as flores tropicais, têm se destacado no mercado internacional (Europa e Estados Unidos devido à beleza, diversidade de cores e formas e durabilidade. No entanto, para a comercialização a longas distâncias é necessário adotar formas de transporte que inibam o processo de senescência das flores e conservem a qualidade pós-colheita. O transporte de flores em temperaturas baixas é o mais utilizado, no entanto, em “flores tropicais” podem causar danos de injúria por frio. O objetivo deste trabalho foi descrever os sintomas causados pela injúria por frio em hastes florais de três genótipos de helicônia (H. bihai, H. wagneriana e H. caribaea x H. bihai cv. Carib Flame. As hastes florais de helicônia foram submetidas, por 72 horas, a três condições de temperatura: refrigerador expositor (2 ºC em caixa de papelão (embalagem padrão para transporte; refrigerador expositor (2 ºC sem caixa de papelão; e laboratório a 25 ºC e U.R. 60% (testemunha. O delineamento experimental utilizado foi o inteiramente casualizado, com três tratamentos e sete repetições na primeira avaliação e cinco repetições na segunda avaliação. Os sintomas da injúria por frio foram descritos a partir da comparação do aspecto visual das hastes florais submetidas a 2 °C com as testemunhas. A temperatura de 2 ºC, com ou sem a embalagem de transporte, provocou sintomas como: aspecto de queimadura no centro das brácteas, manchas escurecidas na área de inserção das brácteas na ráquis e murchamento das extremidades dos pecíolos das folhas e da base das inflorescências.

  8. Efeito da endogamia sobre a maturidade sexual e fecundidade do escargot da espécie Helix aspersa

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Soares E.D.R.

    2003-01-01

    Full Text Available Estudou-se o efeito da endogamia sobre a maturidade sexual e fecundidade de escargot da espécie Helix aspersa, em três gerações consecutivas de irmãos perfeitos. Os animais foram criados em laboratório com temperatura entre 20 e 25ºC e umidade relativa entre 70 e 90%. O efeito da endogamia foi negativo para as duas características. Quando o valor de F aumentou de 0,25 para 0,50, o percentual de animais sexualmente maduros aos 120 dias diminuiu de 59 para 18% e o número de animais nascidos por postura diminuiu de 94 para 53. Para evitar o efeito negativo, recomenda-se o início de uma criação com pelo menos 100 reprodutores não aparentados, introduzindo-se novas matrizes após a 10ª geração.

  9. Análise espectrofotométrica da ação das lipoxigenases em grãos de soja macerados em diferentes temperaturas Spectrophotometric analysis of the lipoxygenase action on soybeans soaked at different temperatures

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Carlos Magno EVANGELISTA

    1997-12-01

    Full Text Available O sabor e aroma desagradáveis dos derivados da soja, particularmente do extrato hidrossolúvel (leite de soja, são obstáculos a sua aceitação pelos ocidentais que o consideram desagradável. A origem desse "flavor" está na oxidação de ácidos graxos catalisada pelas isoenzimas lipoxigenases quando os tecidos dos grãos sofrem danos na presença de umidade. Já na maceração (embebição dos grãos, no processo tradicional de produção de leite de soja, células do cotilédone sofrem rupturas, devido ao entumescimento provocado pela rápida absorção de água, permitindo o contato enzima-substrato. O objetivo do presente estudo foi avaliar o nível de oxidação sofrido por grãos de soja macerados em diferentes temperaturas, e depois liofilizados, para a extração e análise espectrofotométrica (232 nm da fração lipídica. Os métodos de extração e análise empregados permitiram a verificação da ocorrência de oxidação no processo de maceração sendo que o coeficiente de extinção (dienos conjugados passou de 3,40 [(g/100mlcm]-1 (grãos não macerados para 5,88 [(g/100mlcm]-1 (grãos macerados a 22°C e o coeficiente de extinção diminuiu com o aumento da temperatura.The flavor of soybean products, particularly of the hydrosoluble extract (soymilk, is one of the main problems to its acceptance by western people. The compounds responsible for this flavor are secondary products of the oxidation of the fatty acids catalysed by a group of isoenzymes called lipoxygenases, which are activated when soybeans are wet. During soybean soaking, in the traditional process of soymilk production, cells of the cotiledons are broken due to swelling caused by the fast absorption of water, allowing the contact enzyme-substrate. The objective of this study was to extract and to analyse by spectrophotometric absorption at 232 nm the soybean lipid fraction after soaking in different temperatures and freeze-drying. It was observed that the

  10. Termografia infravermelha em tempo real como método de avaliação da viabilidade do baço em modelo de esplenectomia parcial em porcos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Hugo Daniel Welter Ribeiro

    Full Text Available OBJETIVO: Determinar se a termografia infravermelha é capaz de detectar com precisão a perda de perfusão tecidual em áreas de parênquima esplênico. MÉTODOS: Cinco porcos Landrace pesando entre 12 a 15 kg, após medicação pré-anestésica intramuscular e anestesia por infusão endovenosa, foram submetidos a quatro etapas de ligaduras sequenciais, dos vasos arteriais para o pólo inferior do baço: 1-vasos do ligamento esplênico; 2-ramo da artéria esplênica para o pólo inferior; 3-ramo arterial para o pólo inferior na face visceral do órgão; 4-parênquima esplênico dividindo o órgão. As imagens foram captadas por câmera Therma CAM SC500 instalada a 50 centímetros da superfície do órgão. As temperaturas foram medidas na região proximal (vascularizada e na região distal (isquêmica, em três áreas circulares distintas de cada região através do software SAT Report, antes e após cada etapa de ligaduras, constituindo cinco grupos de medidas: tempo 0 = antes da etapa 1; tempo 1 = após etapa 1; tempo 2 = após etapa 2; tempo 3 = após etapa 3; tempo 4 = após etapa 4. RESULTADOS: Houve manutenção da temperatura da região proximal (vascularização preservada durante todos os tempos de desvascularização. A temperatura da região distal (desvascularizada iniciou queda a partir da primeira ligadura e tornou-se estatisticamente menor que a da região proximal a partir da ligadura 3 (Etapa 3. Houve diferença estatisticamente significativa entre as temperaturas proximais e distais do órgão na medida em que foram sendo realizadas as ligaduras vasculares. CONCLUSÃO: A termografia infravermelha foi capaz de distinguir com precisão áreas de parênquima esplênico com vascularização preservada de áreas isquêmicas e pode contribuir para a avaliação da viabilidade de órgãos sólidos.

  11. Desenvolvimento "in vitro" de larvas e juvenis de Emerita brasiliensis Schmitt (Crustacea, Decapoda, Hippidae sob diferentes condições de temperatura, salinidade e regime alimentar "In vitro" development of larvae and juveniles of the sand crab Emerita brasiliensis Schmitt (Crustacea, Decapoda, Hippidae under different conditions of temperature, salinity and food diet

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ana Clara P. Otegui

    2007-06-01

    Full Text Available Larvas eclodidas em laboratório e juvenis coletados em campo do tatuí Emeritabrasiliensis (Hippidae foram cultivados em diferentes temperaturas e regime alimentar com a finalidade de avaliar as melhores condições para a manutenção da espécie em laboratório. O efeito da freqüência da substituição da água de cultivo sobre o desenvolvimento larvar também foi estudado avaliando-se a sobrevivência, o crescimento e a duração dos estádios larvares. A duração das fases larvares e o crescimento das três últimas fases de zoea correlacionaramse positivamente com a temperatura. As temperaturas testadas, entre 18 e 26ºC não influenciaram a sobrevivência das larvas. Não houve influencia da alimentação e nem da troca de água no desenvolvimento, crescimento e sobrevivência das larvas, bem como das dietas de microalgas na sobrevivência e desenvolvimento dos juvenis.Hatched larvae and field sampled juveniles of the sand crab Emeritabrasiliensis were reared at different temperatures and food diet in order to evaluate the best conditions for laboratory maintenance. The effects of frequency of changing the aquarium seawater on larval development was also studied evaluating the survival, growth and duration of larval stages. The duration of larval stage and growth of the last three zoes phases correlate positively with temperature. Temperatures between 18 and 26ºC did not influence the larval survival. The kind of food and frequency of water exchange did not influence the development, growth, and survival of larvae, as well as the development, and survival of juveniles.

  12. Análises da precipitação pluvial no Estado da Paraíba com base na teoria da entropia Use of entropy theory in analysis of rainfall and air temperature

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Vicente de P. R. da Silva

    2003-08-01

    Full Text Available Os dados diários de precipitação pluvial de 58 postos pluviométricos do Estado da Paraíba e de temperatura média diária de Campina Grande, PB, foram utilizados para avaliar a variabilidade espacial e temporal da precipitação pluvial, com base na teoria da entropia. Analisou-se, também, a variabilidade temporal da temperatura do ar em Campina Grande, com base nessa mesma teoria. Os resultados evidenciaram que a entropia é alta em locais com intensa precipitação, e baixa quando ocorrem, nesses locais, baixos índices pluviométricos; conseqüentemente, nos períodos chuvosos a entropia é alta e, nos períodos de estiagem, é mínima. Este trabalho evidencia, ainda, que qualquer série temporal de entropia decresce exponencialmente com o aumento do seu desvio-padrão.The objective of this study was the evaluation of the rainfall variability in Paraíba state. Daily rainfall observed from a network of 58 rain gauges in Paraíba State and mean daily temperature observed at Campina Grande weather station were analyzed using entropy theory. The results showed that rainfall entropy is high in localities and periods with high rainfall values and is low in localities and periods with low rainfall values. Maximum values of rainfall entropy occurred in the rainy period and minimum values occurred in the dry period. However, the entropy of the temperature time serie was constant, with maximum value of 8.53 bits. This study shows that for any time series the entropy decreases exponentially with increase of standard deviation.

  13. Avaliação Numérica da Influência da Urbanização no Regime de Convecção e nos Padrões de Precipitação da Região Metropolitana de São Paulo

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Carolina Veiga Ferreira de Souza

    Full Text Available Resumo Estudos indicam que regiões urbanizadas podem se tornar Ilhas de Calor Urbanas (ICU principalmente por conta da escassez de áreas verdes, altas emissões de poluentes atmosféricos e presença de materiais civis, que absorvem e conservam mais calor por um tempo maior do que os naturais, o que faz as temperaturas desses locais serem superiores às das áreas circunvizinhas. A influência das ICU nos processos convectivos de formação da chuva de forma a modificar o regime de chuvas da região é discutida no mundo científico, já que tais processos dependem também da temperatura local. Nesse contexto, a influência da urbanização no regime de chuvas da Região Metropolitana de São Paulo (RMSP foi avaliada por meio de métodos estatísticos e simulações numéricas. O modelo WRF foi usado no estudo com diferentes configurações de tipo e uso do solo: 1 - mancha urbana padrão do modelo; 2 - mancha urbana ampliada; 3 - mancha urbana substituída por floresta nativa. As simulações numéricas foram realizadas para eventos em que a convecção teve um papel determinante na configuração da precipitação. A análise da série histórica de precipitação demonstrou indícios de mudança de padrão de comportamento na RMSP principalmente nas décadas de 1980 e 1990 e do ano 2000 até a atualidade, apesar de não se verificar tendência de aumento ou de diminuição da precipitação média na RMSP. Os resultados das simulações ressaltaram a forte influência da urbanização na dinâmica atmosférica e, consequentemente, na ICU da RMSP, culminando em eventos severos e concentrados de precipitação convectiva ao redor e no interior da região urbanizada. Nas simulações alterando a urbanização por floresta nativa a precipitação ocorreu, na maioria das vezes, de forma mais distribuída espacialmente e com núcleos de menor intensidade.

  14. Temperaturas cardinales de desarrollo en la etapa siembra- emergencia de 11 pastos forrajeros

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Noé Durán Puga

    2011-01-01

    Full Text Available Los objetivos del presente estudio fueron determinar las temperaturas cardinales de desarrollo (temperatura umbral mínima Tb, temperatura óptima To y temperatura umbral máxima Tu, e identificar un método que estime con precisión los requerimientos térmicos para la etapa siembra-emergencia (E de 11 pastos forrajeros. Ciento veinte (120 semillas de cada uno se sembraron en recipientes en condiciones controladas con un diseño experimental completamente al azar y tres repeticiones a temperaturas constantes de 15 hasta 46 ºC, en cámaras de ambiente controlado del Instituto Nacional de Investigaciones Forestales Agrícolas y Pecuarias (INIFAP en Guadalajara, Jalisco, México. Las temperaturas cardinales y requerimiento térmico se estimaron mediante el método bilineal (MB y el método curvilíneo (MC, se evaluó su ajuste mediante comparación directa con los valores de desarrollo observados en ambiente controlado y coeficiente de variación de la duración de E expresada en términos de unidades calor acumuladas (UCA. Los resultados mostraron que el MB fue mejor para estimar Tb y To, y el MC fue mejor para estimar Tu. Los valores de Tb, To, Tu y UCA, fueron, Lolium perenne 9, 31, 41, 80, Festuca arundinacea 10, 31, 41, 78, Hyparrhenia rufa 12, 32, 42, 62, Eragrostis curvula 13, 32, 47, 40, Chloris gayana 13, 31, 47, 40, Melinis minutiflora 13, 31, 43, 50, Pennisetum clandestinum 12, 32, 43, 65, Brachiaria mutica 14, 32, 43, 57, Andropogon gayanus 12, 37, 48, 66, Cynodon dactylon 14, 29, 44, 48, Pennicetum ciliare 13, 30, 42, 61.

  15. Viscosidade cinemática de pastas cimentícias com incorporadores de ar avaliadas em diferentes temperaturas Kinematic viscosity of cement pastes with air-entrained admixtures evaluated in different temperatures

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    R. C. O. Romano

    2012-03-01

    Full Text Available A presença de aditivos incorporadores de ar (AIA em suspensões cimentícias torna esses materiais sensíveis às etapas de processamento e às condições ambientais de preparo das composições. Diversos estudos têm sido reportados em literatura avaliando o efeito de incorporadores de ar nas propriedades de materiais cimentícios, sobretudo no estado endurecido. Porém o efeito da temperatura na incorporação de ar e nas propriedades reológicas dessas composições tem sido menos investigado, sendo este o objetivo do presente trabalho. Para tanto, foram avaliadas as características de pastas cimentícias, compostas por cimentos CPIIF ou CPIIE e dois tipos de AIA, em função da variação da temperatura. O conceito de viscosidade cinemática foi adotado na análise dos resultados para compensar diferenças de inércia das pastas com densidades distintas. Os resultados mostraram que o tipo de cimento, a presença do aditivo e a temperatura influenciaram significativamente na incorporação de ar e nas propriedades reológicas.Air-entrained admixtures (AEA makes the cementitious pastes very sensitive to the mix process, environmental conditions and, consequently modifies the final properties. Many studies have been found in literature evaluating the AEA effect on the material properties, mainly in the hardened state. However, the temperature effect in the air incorporation and rheological properties have been less investigated, and this has been the objective of our work. The properties of cementitious pastes formulated with CPIIE or CPIIF and different air-entrained admixtures were evaluated in distinct temperatures. Furthermore, the concept of kinematic viscosity was used in the analysis of the results to compensate the differences in the inertia of cement pastes with different densities. The results shown that the cement type, the additive presence and the temperature significantly affects the air incorporation and the rheological

  16. Risco de geada e duração dos subperíodos fenológicos da 'Cabernet Sauvignon' na região da Campanha

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Gabriel F. Brixner

    2014-02-01

    Full Text Available Objetivou-se, neste trabalho, identificar os períodos com maior risco de formação de geada e avaliar as alterações quanto à duração do ciclo fenológico da videira 'Cabernet Sauvignon', estimados com base na disponibilidade térmica de Alegrete, Bagé, Quaraí, São Gabriel, Santana do Livramento e Uruguaiana, localizados na região da Campanha do Rio Grande do Sul. Foram utilizados dados meteorológicos, como temperatura máxima e mínima do ar para o período de 1961 a 2010. Para determinar o risco de formação de geada foi considerada condição favorável a formação quando a temperatura mínima fosse menor ou igual a 3 °C. Para determinar o comportamento fenológico da cultivar Cabernet Sauvignon foi realizado o somatório de graus-dia abrangendo o período de 1/agosto a 10/outubro como início de brotação. Verifica-se que, no início de setembro, Uruguaiana e São Gabriel apresentam baixo risco de formação de geada, a nível de 0,05, enquanto para Alegrete, Bagé, Quaraí e Santana do Livramento para este nível a última data ocorre no início de outubro. Quanto aos subperíodos de desenvolvimento da 'Cabernet Sauvignon' é possível observar variações no número total de dias em relação às épocas de brotação, bem como entre os municípios da Campanha.

  17. Avaliação das condições de melhor estabilidade térmica para a recuperação da bromelina a partir de resíduos do abacaxi - doi: 10.4025/actascitechnol.v33i3.8453

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Moacyr Jorge Elias

    2011-07-01

    Full Text Available Visando à recuperação da bromelina a partir dos resíduos da industrialização do abacaxi, variedade pérola, foi pesquisada a melhor condição de pH para qual a enzima é mais estável ao longo do tempo em diversas temperaturas. Ensaios foram efetuados medindo a atividade enzimática da bromelina pura e do extrato dos resíduos do fruto, empregando caseína como substrato. O extrato foi obtido pela trituração da casca e do talo interno do fruto. A atividade foi expressa em mmol tirosina (L min.-1, pela absorbância a 280 nm dos aminoácidos aromáticos gerados na hidrólise da caseína. Duas faixas de pH foram estudadas: 5,5 a 6,5 e 3,3 a 3,5 e temperatura variando de 25 a 62°C. A constante de inativação (ki foi determinada ao analisar o gráfico da atividade em função do tempo para cada temperatura. A decomposição térmica mostrou ser de ordem um e a energia de ativação para a enzima do fruto maior do que a bromelina purificada quando o pH está na faixa de 3,3 a 3,5. Para recuperação da enzima presente no resíduo do fruto deve-se trabalhar com pH entre 5,5 e 6,5 visto que a decomposição térmica é desprezível na faixa de temperatura estudada (até 62°C.

  18. State-space approach for the analysis of soil water content and temperature in a sugarcane crop A abordagem de estado-espaço na análise do conteúdo de água e temperatura do solo em uma cultura de cana

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Durval Dourado-Neto

    1999-01-01

    Full Text Available The state-space approach is used to describe surface soil water content and temperature behaviour, in a field experiment in which sugarcane is submitted to different management practices. The treatments consisted of harvest trash mulching, bare soil, and burned trash, all three in a ratoon crop, after first cane harvest. One transect of 84 points was sampled, meter by meter, covering all treatments and borders. The state-space approach is described in detail and the results show that soil water contents measured along the transect could successfully be estimated from water content and temperature observations made at the first neighbour.Para estudar o comportamento do conteúdo de água e da temperatura na camada superficial do solo, a abordagem "state-space" foi empregada em dados obtidos em uma cultura de cana submetida à práticas distintas de manejo. Os tratamentos constaram de cobertura morta com palha (e ponteiros, solo nu e palha queimada, todos no início da primeira soca. As amostragens foram realizadas em uma transeção de 84 pontos, metro a metro, cobrindo todos os tratamentos e bordaduras. A metodologia "state-space" é descrita em detalhe e os resultados mostram que o conteúdo de água no solo pode ser estimado com sucesso a partir de dados de conteúdo de água e de temperatura observados no primeiro vizinho. Para estudar o comportamento do conteúdo de água e da temperatura na camada superficial do solo, a abordagem "state-space" foi empregada em dados obtidos em uma cultura de cana submetida à práticas distintas de manejo. Os tratamentos constaram de cobertura morta com palha (e ponteiros, solo nu e palha queimada, todos no início da primeira soca. As amostragens foram realizadas em uma transeção de 84 pontos, metro a metro, cobrindo todos os tratamentos e bordaduras. A metodologia "state-space" é descrita em detalhe e os resultados mostram que o conteúdo de água no solo pode ser estimado com sucesso a partir de dados

  19. Regionalização das temperaturas mínimas do ar prejudiciais à fecundação das flores de arroz para a região climática da depressão central, RS Minimum air temperatures probabilities harmful to the fecundation of rice flowers in the central region of Rio Grande do Sul, Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Galileo Adeli Buriol

    2000-03-01

    Full Text Available Foram mapeadas as probabilidades de ocorrência de temperaturas mínimas do ar prejudiciais à fecundação das flores de arroz na Região Climática da Depressão Central do Estado do Rio Grande do Sul. Utilizaram-se os valores de probabilidade de ocorrência de temperaturas mínimas do ar iguais ou inferiores a 13, 15 e 17°C em um ou mais dias, cinco ou mais dias e dei ou mais dias para os meses de dezembro, janeiro, fevereiro e março. As isolinhas de probabilidade foram traçadas em um mapa ipsométrico da região. Os resultados mostram que as menores probabilidades se situam nas partes de menor altitude como nos vales dos rios Ibicuí, Jacuí, Taquari, estuário do Guaíba e seus afluentes e que o período de menor periculosidade das temperaturas mínimas do ar ocorre nos meses de janeiro e fevereiro.The probability of occurency of minimum air temperatures harmful to the fecundation of rice flowers in the Central Region of Rio Grande do Sul State was shown in a map. Minimum air temperatures lower or equal to 13, 15 e 17°C occuring during one or more days, five or more days and ten or more days in December, Jannary, February and March were used. The isolines of probability were drown on a map. The results showed that the lower probabilities are located in the parts of the land with lower altitude like the valley of Ibicui, Jacui, Taquari, and Guaiba rivers. Besides, January and February are the months where the risks of low temperatures to rice flowering is lower.

  20. Tratabilidade do lodo biológico têxtil e produção de biogás em reator UASB em diferentes temperaturas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Júnia Schultz

    Full Text Available RESUMO Neste trabalho avaliou-se o comportamento de um reator UASB em escala laboratorial (16 L no tratamento de lodo biológico têxtil com produção de biogás, operando em diferentes temperaturas, 35 (mesofílica, 45 e 55ºC (termofílica, com tempo de detenção hidráulica (TDH constante de 24 h. O reator UASB apresentou-se apto a tratar o lodo têxtil, sendo influenciado positivamente pelo incremento da temperatura, mostrando maiores remoções nas temperaturas termofílicas e com altas taxas de remoção de todos os parâmetros físico-químicos monitorados: demanda química de oxigênio (DQO (97% em 45 e 55ºC, demanda bioquímica de oxigênio (DBO (95% em 45ºC e 94% em 55ºC, fósforo total (P-total (95% a 45 e 55ºC e nitrogênio total (N-total (94% a 45 e 55ºC. Quanto à produção de biogás e à concentração de metano, os maiores valores foram observados a 45ºC. Com base nos resultados alcançados, confirmam-se a tratabilidade do lodo têxtil e a produção de biogás em UASB, com melhor performance a 45ºC.

  1. Efeitos da temperatura ambiente sobre o desempenho de suínos dos 30 aos 60 kg Effects of environmental temprerature on performance of pigs from 30 to 60 kg live weight

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria Cristina Manno

    2006-04-01

    Full Text Available Este estudo foi conduzido para avaliar o efeito da temperatura ambiente sobre o desempenho, a composição de carcaça e os parâmetros fisiológicos de suínos de 30 a 60 kg. Foram utilizados 36 machos castrados (Landrace x Large White, com peso inicial de 29,94 ± 0,49 kg, dispostos, durante 35 dias, em três tratamentos, com seis repetições e dois animais por unidade experimental. O delineamento experimental foi o inteiramente casualizado e os tratamentos consistiram em: T1 - ambiente de calor (32ºC e alimentação à vontade; T2 - ambiente termoneutro (22ºC e alimentação à vontade; T3 - ambiente termoneutro (22ºC e alimentação equivalente ao consumo à vontade dos animais submetidos ao ambiente de calor. A temperatura ambiente elevada provocou redução do consumo de ração, porém melhorou a conversão alimentar e a eficiência de utilização de lisina para ganho. A deposição de gordura foi menor nos tratamentos 1 e 3, porém, apenas os animais em conforto térmico com alimentação pareada apresentaram declínio na deposição de proteína. Os pesos de jejum e de carcaça dos animais em estresse por calor foram menores que os dos animais em conforto térmico com alimentação à vontade, porém superiores aos dos animais com alimentação pareada. Os tratamentos não influenciaram o rendimento de carcaça e os pesos relativos dos órgãos avaliados, com exceção do estômago, que foi menor no T3. Os parâmetros fisiológicos temperaturas de superfície e freqüência respiratória foram influenciados negativamente pela alta temperatura (T1, mas a temperatura retal não foi alterada pelos tratamentos. Na fase de crescimento, a alta temperatura mantém deposição de proteína na carcaça, mas interfere negativamente no desempenho dos suínos, de modo que seus efeitos não se limitam à redução do consumo de ração.This study was carried out to evaluate the effect of environmental temperature on performance, carcass

  2. Transporte de CO2 em meio aquoso a partir da interface agua-ar

    OpenAIRE

    Euler Martins Lage

    2002-01-01

    Resumo: Neste trabalho estudou-se o transporte de CO2 através da interface água-ar e a sua difusão na água, a partir de experimentos simples e de baixo custo, em escala laboratorial. Para este estudo foram utilizadas soluções aquosas de diferentes salinidades (0, 10, 30 e 65 g/kg), a diferentes temperaturas (25 e 40 °C). Para a determinação da concentração de CO2 dissolvido, adicionou-se indicadores ácido-base. Foram obtidas imagens das soluções a diferentes tempos após o início da difusão. A...

  3. Efeito da temperatura no crescimento micelial e patogenicidade de Pythium spp. que ocorrem em alface hidropônica Temperature effects on mycelial growth and pathogenicity of Pythium spp. occuring in hydroponic lettuce

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Liliane De Diana Teixeira

    2006-09-01

    Full Text Available Doze isolados de Pythium foram obtidos de raízes de alface cultivada em sistemas hidropônicos comerciais, apresentando ou não sintomas de apodrecimento. Três desses isolados foram identificados como Pythium helicoides Drechsler (H1, H2 e H3, cinco como pertencentes ao grupo F (F1 a F5 e quatro ao grupo T (T1 a T4 de Pythium. A identificação das espécies foi realizada baseando-se nas características morfológicas. O efeito da temperatura (10, 15, 18, 21, 24, 27, 30, 37 e 40ºC sobre o crescimento micelial foi determinado para todos os isolados. As temperaturas mínima e máxima, estimadas pela função beta generalizada, variaram de 3,5 a 10ºC e de 40 a 40,7ºC, respectivamente. A temperatura ótima foi de 24 a 37ºC para P. helicoides, de 25 a 35ºC para o isolado F4 e de 21 a 30ºC para os demais isolados. A patogenicidade e a agressividade dos isolados foram avaliadas, inoculando-se sementes de alface cv. Verônica, semeadas em ágar-água, a 21 e 30ºC. A 30ºC, os isolados de P. helicoides foram notadamente os mais agressivos, ocasionando 100 % de mortalidade das sementes logo após sua germinação. A 21ºC, todos os isolados induziram subdesenvolvimento de plântulas, acompanhado ou não de necrose dos tecidos radiculares. Trata-se do primeiro relato de P. helicoides para o Brasil e a primeira referência mundial da espécie em hidroponia.Twelve Pythium isolates were obtained from lettuce roots grown hydroponically in commercial systems, showing or not symptoms of rotting. Three of them were identified as P. helicoides (H1, H2 and H3, whereas five were shown to belong to group F (F1-F5 and four to group T (T1-T4 of Pythium. The identification of the species was based on morphological characteristics. The effect of temperature (10, 15, 18, 21, 24, 27, 30, 37 and 40ºC on the mycelial growth was determined for all isolates. Minimum and maximum temperatures, estimated by the generalized beta function, varied from 3.5 to 10ºC and 40

  4. COMPOSTAGEM DE ALGUNS RESÍDUOS ORGÂNICOS, UTILIZANDO-SE ÁGUAS RESIDUÁRIAS DA SUINOCULTURA COMO FONTE DE NITROGÊNIO

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Antonio T. de Matos

    1998-08-01

    Full Text Available RESUMO O presente trabalho teve como objetivo estudar a variação do carbono, do nitrogênio, da relação C/N e da temperatura das medas na compostagem do bagaço de cana-de-açúcar (com adição ou não de gesso ou de superfosfato triplo, do capim napier picado e da palha de café, quando se utilizaram águas residuárias da suinocultura como fonte de nitrogênio. Curvas exponenciais, obtidas por análise de regressão, foram ajustadas aos dados de concentração de carbono e nitrogênio, relação C/N e temperatura, de forma a se obter as constantes de decomposição do material orgânico e de acúmulo de nitrogênio nas medas. A constante média de decomposição do material orgânico foi de 0,003673 d-1 e a taxa média de acúmulo de nitrogênio foi de 0,006014 d-1 e o período de processamento compreendido entre 90 e 133 dias.

  5. Comportamento germinativo de sementes de leiteiro (Peschiera fuchsiaefolia: efeito da temperatura e luz Seed germination of Peschiera fuchsiaefolia: effects of temperature and light

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cibele C. Martins

    2000-01-01

    Full Text Available O leiteiro é uma planta daninha que ocorre em pastagens, de importância crescente no Brasil e que reproduz-se por sementes. Com o objetivo de conhecer o comportamento germinativo dessa espécie, as sementes foram colocadas para germinar sobre papel, em temperaturas constantes de 15, 20, 25, 30, 35 e 40ºC, sem ou com luz (78 µmol s-1m-2/8h. Para a avaliação dos tratamentos, foram contabilizadas, semanalmente, o número de sementes germinadas (G, considerando-se a protrusão de 1cm de raiz primária, até que cessasse a germinação em todos os tratamentos (63 dias após a semeadura e, determinou-se o índice de velocidade de germinação (IVG. Após esse período, as sementesforam transferidas para a temperatura de 30ºC com luz (condição favorável detectada na etapa anterior e realizou-se contagem semanal até que a germinação cessasse novamente, em todos os tratamentos (91 dias após a semeadura, quando foram contabilizadas as sementes mortas (M e as sementes quiescentes (Q. Os resultados indicaram que as sementes de leiteiro foram indiferentes à luz. A temperatura ótima de germinação para a espécie situou-se entre 25 e 30ºC (G=85%, M=15% e IVG=34. Nas temperaturas extremas de 15ºC (G=0%; Q=78%; M=22% e 40 ºC (G=0%; Q=0% e M=100% não houve a germinação das sementes.Peschiera fuchsiaefolia is a pasture weed of great importance in Brazil. The objective of this research was to know the germination of this specie under constant temperatures of 15, 20, 25, 30 e 35ºC with and without light (78 µmol s-1m-2/8h. The germination was evaluated weekly up to 63 days after sowing. After this period all seeds were transferred to 30ºC without light because this condition was the best in previous period. In the new conditions the evaluation reached 91 days after sowing. In the end of the experimental period died seeds and quiescent seeds were evaluated. The best temperature to germination was between 25 and 30ºC with germination

  6. Qualidade da água da Lagoa do Josino, em Formiga (MG

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Joaquim Cordeiro Neto

    2017-07-01

    Full Text Available A água é o recurso natural mais importante da Terra, sendo indispensável para a vida, assim, sua qualidade deve ser preservada. A partir disso, este trabalho tem por objetivo analisar a qualidade da água da Lagoa do Josino, localizada no município de Formiga (MG, a partir de análises físicas, químicas e microbiológicas. Para tal, foram coletadas amostras de água em diversos pontos da Lagoa do Josino, que apresenta diferentes formas de uso e ocupação em suas imediações. Foram analisados os seguintes parâmetros, entre os meses de agosto e outubro de 2015, pH, condutividade elétrica, temperatura, oxigênio dissolvido, turbidez, nitrato, nitrito, amônia, nitrogênio total, potássio, fósforo, ferroII, ferroIII, demanda bioquímica de oxigênio (DBO, sólidos totais, sólidos dissolvidos totais, sólidos sedimentáveis, coliformes termotolerantes e totais, em cinco repetições. Os resultados obtidos para DBO, fósforo total, coliformes termotolerantes e totais não estão de acordo com o preconizado pela Resolução 357/2005 do CONAMA para Corpos Hídricos Classe 1 e pela Resolução 274/2000, do mesmo conselho.

  7. Estudo da decomposição térmica da madeira de oito espécies da região do Seridó, Rio Grande do Norte

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Angélica de Cássia Oliveira Carneiro

    2013-12-01

    Full Text Available Este trabalho teve como objetivo avaliar o perfil de decomposição térmica da madeira de oito espécies utilizando as técnicas de termogravimetria (TGA e calorimetria diferencial exploratória (DSC, bem como a consistência desses métodos para decidir quais espécies devem ser indicadas para produção de energia e carvão vegetal, comparando-os com os rendimentos gravimétricos da carbonização obtidos a partir de carbonizações em mufla de laboratório. Para as análises por TGA e DSC, amostras de serragem foram aquecidas à taxa de 10 °C min-1, sob atmosfera de nitrogênio, em vazão de 50 ml min-1 até a temperatura final de 600 °C. Foram determinados os valores de densidade básica e poder calorífico superior da madeira. As carbonizações foram realizadas em mufla de laboratório à taxa de 50 °C h-1 até a temperatura máxima de 450 °C, obtendo-se os rendimentos em carvão vegetal. Também foram determinados os valores de densidade aparente do carvão das oito espécies após a carbonização. Os resultados das análises térmicas indicaram perfis de decomposição pirolítica das madeiras e evidenciaram aquelas mais estáveis à ação térmica. O comportamento da estabilidade térmica das madeiras das oito espécies foi confirmado pela análise dos rendimentos da carbonização em mufla, em comparação com a análise por TGA e DSC. As madeiras de Aspidosperma pyrifolium e Mimosa tenuiflora apresentaram maior estabilidade térmica e, portanto, maiores rendimentos em carvão vegetal, bem como maiores densidades aparentes. As técnicas de termogravimetria e calorimetria diferencial exploratória são satisfatórias para avaliação da decomposição térmica das madeiras e garantem consistência na escolha de madeiras que resultam em maior rendimento e maior qualidade do carvão vegetal.

  8. Luz, substrato e temperatura na germinação de sementes de cedro-vermelho Light, substrate and temperature in the germination of seeds of Cedrela odorata

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marco Antônio Amaral Passos

    2008-02-01

    Full Text Available O objetivo deste estudo foi avaliar o tipo de substrato, a temperatura e os regimes de luz mais adequados à germinação de sementes de Cedrela odorata L. O delineamento experimental adotado, em todos os ensaios, foi o inteiramente casualizado com quatro repetições de 25 sementes cada. As temperaturas constantes de 25 e 30ºC, a temperatura alternada de 20-30ºC e os substratos pó de coco e areia são as melhores condições para a germinação das sementes de C. odorata. A germinação das sementes da espécie estudada não se mostrou sensível aos diferentes regimes de luz aplicados.This work aimed to evaluate the kind of substrate, and temperature and light conditions more suitable for seed germination of Cedrela odorata L. The experimental design adopted in all experiments was the completely randomized design with four repetitions of twenty-five seeds each. The constant temperatures (25 and 30ºC, the alternated temperature (20-30ºC, and the coconut fiber and sand substrates are the better conditions for seed germination of C. odorata. Seed germination of the studied specie showed no sensitiveness to the different levels of light applied.

  9. Zoneamento agroclimático da palma forrageira (Opuntia sp. para o estado da Paraíba

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Bergson G. Bezerra

    2014-07-01

    Full Text Available A palma forrageira tornou-se, ao longo dos anos, uma importante alternativa forrageira no semiárido brasileiro (SAB principalmente em longos períodos de estiagens. Apesar de sua magnitude para a agropecuária, seu cultivo tem dispensando tratos culturais básicos e embasamento técnico-científico quanto às suas exigências climáticas. Assim, o principal objetivo deste estudo foi elaborar o zoneamento agroclimático da cultura da palma forrageira (Opuntia sp. para o estado da Paraíba. O zoneamento agroclimático da palma forrageira foi elaborado com base nos indicadores climáticos delineados na literatura e nos dados climatológicos de precipitação e temperatura (média, máxima e mínima de 97 localidades do estado da Paraíba. De acordo com os resultados obtidos, a mesorregião da Borborema é a que apresenta as condições climáticas mais favoráveis para o cultivo da palma forrageira. As mesorregiões do Agreste, Sertão e a parte do Litoral, são aptas porém com restrições. No entanto, recomenda-se o cultivo da palma forrageira em todo o território do estado da Paraíba, exceto para a parte costeira da mesorregião do Litoral e região em torno de Areia. Em ambos os casos a inaptidão ocorre em função do excesso de precipitação.

  10. Temperatura letal de diferentes plantas frutíferas tropicais Freezing points of various tropical fruits

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Paulo Cesar Sentelhas

    1996-01-01

    Full Text Available Com o objetivo de conhecer melhor o efeito das baixas temperaturas sobre as frutíferas de clima tropical e possibilitar o desenvolvimento de novas variedades, mais tolerantes, simularam-se geadas em câmaras frigoríficas para a determinação da temperatura letal de diferentes plantas frutíferas tropicais. Os resultados permitiram classificar as espécies em três grupos: Grupo I - moderada tolerância (-4°C: condessa (Annona reticulata; goiaba (Psidium guajava; acerola (Malpighia glabra e abacate (Persea americana var. Geada; Grupo II - média tolerância (-5°C: conde (A. squamosa; araticum-mirim (Rollinea spp.; anona-do-brejo (A. glabra; falsa-gravioleira (A. montana; araticum-de-folha-miúda (R. ermaginata e maracujá-amarelo (Passiflora edulis f. flavicarpa; Grupo III - acentuada tolerância (-6°C: cherimóia (A. cherimola.The effect of low temperature on tropical fruits was studied in order to guide future developments of frost resistant varieties. Simulations of frost were done in a freezing chamber to determine the freezing points of various fruit plants. On the basis of the results the studied species can be classified into three groups according to their tolerance to low temperatures: Group I - little tolerance (-4°C: Annona reticulata; Psidium guajava; Malpighia glabra and Persea americana (var. Geada; Group II - medium tolerance (-5°C: A. squamosa; Rollinea spp.; A. glabra; A. montana; R. ermaginata and Passiflora edulis f. flavicarpa; Group III - high tolerance (-6°C: A. cherimola.

  11. Elaboración y posterior tratamiento del hormigón a bajas temperaturas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Meyer, A.

    1962-09-01

    Full Text Available Not availableEl hormigonado en ambiente frío con heladas requiere un especial cuidado y un control mejor que en el caso de temperaturas normales. En la obra cerrada de invierno, los diferentes elementos o el total de la obra y la preparación del hormigón se efectúan con calefacción y protección. Esto, generalmente, sólo se hace para temperaturas exteriores muy bajas. Las instalaciones especiales en una obra crean un mayor gasto y, en consecuencia, solamente resultan rentables en obras especialmente importantes. En la obra cerrada de invierno, el hormigón se elabora a temperaturas normales, condiciones que se mantienen durante el tratamiento posterior. En este caso, no aparece nada especial al hormigonar bajo estas condiciones.

  12. Espessura da lâmina de cisalhamento na avaliação instrumental da textura da carne Shear blade thickness in the instrumental evaluation of meat texture

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marcos Franke Pinto

    2010-06-01

    Full Text Available A padronização da textura é um dos principais problemas relacionados à qualidade da carne bovina. Por isso, a avaliação objetiva da maciez, por métodos mecânicos, vem sendo estudada há muitos anos. Para que a avaliação instrumental da textura seja uma ferramenta efetiva nos estudos envolvendo a maciez da carne, é necessário minimizar as causas de variação envolvidas na análise. Atualmente, a força de cisalhamento Warner-Bratzler é o método mais amplamente empregado para essa finalidade. O protocolo padrão dessa técnica analítica preconiza a utilização de uma lâmina de cisalhamento de 1,016mm de espessura. Neste trabalho, foram comparados dados de textura de carne bovina obtidos com a lâmina de cisalhamento padrão Warner-Bratzler, de 1,016mm de espessura, e uma lâmina mais grossa, de 3,05mm de espessura. Após o abate, amostras de músculo Longissimus dorsi, semelhantes em relação aos teores de umidade, lipídeos e proteínas, foram submetidas a duas diferentes temperaturas de resfriamento, atingindo diferentes velocidades de queda de temperatura e, consequentemente, diferentes graus de contração do tecido muscular, o que foi confirmado pela determinação do comprimento dos sarcômeros. Os resultados demonstraram uma maior sensibilidade da lâmina padrão Warner-Bratzler na detecção de variações da textura da carne, em função da velocidade de resfriamento.Standardization of texture is one of the main problems related to beef quality. Because of that, objective evaluation of tenderness performed by mechanic methodologies has been studied for years. In order to count on instrumental texture evaluation as a valuable tool in meat tenderness studies, it is necessary to minimize the causes of variation that might be involved in the trial. Nowadays, Warner-Bratzler shear force is widely used for meat tenderness determination. The standard protocol of this methodology establishes the utilization of shear blade 1

  13. Avaliação da influência da temperatura e do tratamento enzimático no comportamento reológico do suco de abacaxi pérola (Ananas Comosus L. merr. Evaluation of influence from temperature and enzymatic treatment in the rheological behavior of pineapple (Ananas Comosus L. merr. juice

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Adriano Cesar Calandrini Braga

    2013-03-01

    Full Text Available O objetivo deste trabalho foi determinar o comportamento reológico do suco de abacaxi- pérola natural e tratado com enzimas pectinolíticas. As condições de tratamento enzimático foram otimizadas através de um planejamento experimental do tipo fatorial completo 2k, com três repetições do ponto central. Na avaliação do comportamento reológico foram utilizadas duas amostras submetidas a peneiramento (N e D, analisadas em quatro diferentes temperaturas (10; 25; 50 e 65 °C. As análises reológicas foram realizadas utilizando um viscosímetro de cilindros concêntricos Brookfield e os dados experimentais foram ajustados ao modelo de Mizrahi-Berk. A relação entre temperatura e viscosidade aparente foi descrita por uma equação tipo Arrhenius. A otimização da atividade enzimática indicou, através da análise de variância e da metodologia de superfície de resposta, que as variáveis temperatura e tempo de tratamento exerceram efeito estatisticamente significativo (pThe objective this study was determinate the rheological behavior of pineapple juice natural and treated with pectinolytic enzymes. Tests for optimization of enzyme activity used in treatment were realized using a complete factorial planning 2k, with three repetitions of center point and two independent variables (temperature and time of treatment. In evaluation of rheological behavior of pineapple juice, were utilized two samples submitted to sieving (N and D, analyzed in four different temperatures (10, 25, 50 e 65 °C. The rheological analyses were realized using a Brookfield concentric cylinders viscometer and the relationship in the temperature and apparent viscosity was described by an equation type Arrhenius. The experimental data were adjusted by the Mizrahi-Berk model. The optimization tests indicated by ANOVA and response surface methodology that the variables temperature and time of treatment have statistically significant effect (p<0,05 on concentration of

  14. Relação entre as vazões médias mensais do rio Piancó e as anomalias de temperatura da superfície dos oceanos Atlântico e Pacífico tropical Relationhips between monthly mean stream flow for the Pianco river and tropical Atlantic and Pacific sst anomalies

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Manoel F. Gomes Filho

    2000-01-01

    Full Text Available Apresenta-se, neste trabalho, uma análise estatística baseada em correlações entre as temperaturas globais da superfície do mar (TSM e as descargas do Rio Piancó, no sertão da Paraíba, principal contribuinte do reservatório de Coremas, na região. Os coeficientes globais de correlação foram obtidos entre as temperaturas médias da superfície do mar, para os trimestres de novembro a janeiro e de fevereiro a abril, e as descargas do Rio Piancó no reservatório de Coremas, para cada mês de fevereiro até maio, que compreendem a estação chuvosa na bacia hidrográfica do reservatório. Os resultados mostram correlações significativas entre as TSM das regiões NINO1+2 e NINO3 no Oceano Pacífico. Na área do Atlântico não existe um padrão de correlações bem definido.This paper presents a statistical analysis based on the correlation between the Global Sea Surface Temperatures (SST and the discharge of Piancó river the principal contributor to the Coremas reservoir in the Paraíba State. The global correlation coefficients were obtained between the mean Sea Surface Temperatures (SST for the November to January and February to April trimesters and the volume of water discharged by the Piancó river in the Coremas reservoir for each of the individual months from February to May, the rainy season in the region of the reservoir. The results show the existence of a strong negative correlation between the SST's of the Nino1+2 and Nino3 regions of the Pacific Ocean. For the Atlantic area no well defined pattern of correlation was found.

  15. Investigação da influência do processamento na dinâmica molecular de nanocompósitos de policarbonato e argila organofílica obtidos via intercalação por fusão

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Elton J. da R. Rodrigues

    Full Text Available Nanocompósitos baseados em policarbonato e argila organofílica foram obtidos pelo método de intercalação por fusão em câmara de mistura sob diferentes valores de torque e temperatura. A influência desses parâmetros na qualidade da dispersão da argila na matriz polimérica foi investigada por ressonância magnética nuclear (RMN de baixo campo, empregando o tempo de relaxação longitudinal, T1H, e por difração de raios X. As diferenças nos tempos de relaxação longitudinal e nos padrões de difração de raios X foram correlacionadas com a formação de domínios com mobilidades distintas. O nanomaterial formado apresentou morfologia intercalada com afastamento crescente das camadas de argila, conforme as condições de processamento se tornavam mais severas. A RMN ¹H mostrou que tanto o cisalhamento quanto a temperatura afetaram a mobilidade das cadeias poliméricas, explicitando a homogeneidade crescente da distribuição dos domínios de relaxação, de acordo com o aumento do torque e da temperatura.

  16. Comportamento das isotermas de adsorção do pó da polpa de manga liofilizada

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Teresinha B. Moreira

    2013-10-01

    Full Text Available A qualidade e a vida útil dos pós de frutas dependem de seus teores de água e da maneira como esta se encontra ligada ao alimento. O comportamento higroscópico de alimentos em pó pode ser avaliado através de suas isotermas de sorção. O objetivo deste trabalho foi avaliar modelos matemáticos para representação da isoterma de sorção do pó de manga liofilizada e avaliar as características físico-químicas da polpa de manga in natura e seu pó liofilizado. Foram feitas as análises de umidade, pH, sólidos solúveis, acidez total titulável, ácido ascórbico e cor. Os modelos matemáticos ajustados aos dados experimentais foram BET, GAB, Henderson e Oswin nas temperaturas de 25, 30 e 35 °C. O melhor ajuste aos dados experimentais foi obtido pelo modelo de GAB. O modelo de GAB apresentou erros médios de 4,092 a 5,175% e valores de R entre 0,9986 a 0,9993 para as temperaturas estudadas. As isotermas do pó da polpa de manga liofilizada apresentaram formato característico do tipo III.

  17. Análise da cinética de secagem de folhas de sálvia Drying kinetics analysis of sage leaves

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Lauri L. Radünz

    2010-09-01

    Full Text Available O presente trabalho propôs estudar a secagem de sálvia a diferentes temperaturas do ar e posterior ajuste dos dados experimentais obtidos com os diferentes modelos matemáticos. Para condução do experimento de secagem foram utilizados 6 secadores de bandeja, empregando-se as temperaturas de 40, 50, 60, 70, 80 e 90 °C. Utilizou-se o delineamento experimental de blocos ao acaso, com três repetições, colocando-se 800 g de folha fresca em cada bandeja. Para o ajuste dos modelos matemáticos aos dados experimentais, realizou-se análise de regressão não-linear, pelo método Quasi-Newton, através do programa computacional Statistica 6.0®, em que os valores dos parâmetros dos modelos foram estimados em função da temperatura do ar de secagem. Os resultados mostraram que pequenos incrementos no valor da temperatura do ar de secagem promovem redução significativa no tempo de secagem. O modelo de Henderson & Pabis (1961 modificado e o de Midilli et al. (2002 se mostraram adequados para descrever o processo de secagem de sálvia para a faixa de temperatura de 40 a 90 °C, enquanto os modelos da aproximação da difusão e o de dois termos, se mostraram adequados para descrever a cinética de secagem para a faixa de temperatura de 60 a 90 °C.The aim of this work was to study the drying of sage at different air temperatures and to fit the experimental data with different mathematical models. The experiments were carried out using 6 tray dryers, for the temperatures of 40, 50, 60, 70, 80 and 90 °C. A randomized experimental design, with three replications, using 800 g of fresh leaves in each tray, was used. For the fitting of mathematical models to the experimental data the non-linear regression by the Quasi-Newton method was used. The values of the parameters of the models were estimated in terms of drying air temperature using the software Statistica 6.0®. The results showed that small increments in drying air temperature of drying

  18. Influência da temperatura sobre o desenvolvimento de juvenis de piapara (Leporinus cf. obtusidens - DOI: 10.4025/actascibiolsci.v25i1.2103 Temperature influence on the development of juvenile of Piapara (Leporinus cf. obtusidens - DOI: 10.4025/actascibiolsci.v25i1.2103

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Gilmar Baumgartner

    2003-04-01

    Full Text Available Este trabalho teve como objetivo analisar os efeitos da temperatura sobre a performance de juvenis de Leporinus cf. obtusidens (Valencienves, 1847 (Characiformes, Anostomidae, em relação a variações no comprimento total, ao peso total, ao incremento em peso, ao peso relativo e à taxa instantânea de crescimento. Para tanto, no período de agosto a setembro de 2001, montou-se experimento com temperaturas controladas (± 1ºC em 14, 18, 22, 26, 30 e 34ºC, com 5 repetições cada. Foram distribuídos, ao acaso, 12 juvenis de piapara Leporinus cf. obtusidens por aquário com capacidade de 250 L e alimentados com ração comercial. Verificou-se que a temperatura que proporcionou maior comprimento total, peso e incremento em peso, situou-se entre 26 e 30ºC; o melhor conforto térmico (peso relativo esteve na faixa de 22 a 26ºC; a taxa instantânea de crescimento aumentou gradativamente desde 14 até 30ºC e, posteriormente, decaiu. Portanto constatou-se que a temperatura influenciou todas as variáveis avaliadasThe aim of this study was to analyze temperature effects on the performance of juveniles Leporinus cf. obtusidens (Valencienves, 1847 (Characiformes, Anostomidae, on the variation of the total length, total body weight, weight increase, relative weight and instantaneous growth rate. For this reason, from August to September of 2001, an experiment with controlled temperature (± 1ºC was set up at 14, 18, 22, 26, 30 and 34ºC, with 5 repetitions each one. Twelve juveniles piapara were placed at random in each aquarium of 250L capacity, and fed with commercial food. We observed that the greatest temperature which provided larger total length, body weight, weight increase was between 26 and 30ºC; the best thermal comfort was between 22 to 26ºC; the instantaneous growth rate increased gradually and the temperature ranged from 14 to 30ºC, when it began to decrease. Therefore, we found that temperature influenced all the analyzed variables

  19. Warmed intravenous infusion for controlling intraoperative hypothermia Infusión venosa calentada en el control de la hipotermia durante el período intraoperatorio Infusão venosa aquecida no controle da hipotermia no período intraoperatório

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ana Lúcia De Mattia

    2013-06-01

    implementación de las intervenciones de enfermería practicadas por el enfermero son esenciales para prevenir la hipotermia y mantener la normotermia perioperatoria. OBJETIVO: verificar a eficácia da intervenção de infusão venosa aquecida, na prevenção da hipotermia em pacientes no período intraoperatório. MÉTODO: estudo experimental, comparativo, de campo, prospectivo e quantitativo, realizado em um hospital público federal. A amostra foi constituída por 60 adultos, que tiveram, como um dos critérios de inclusão, a temperatura axilar entre 36 e 37,1ºC e acesso cirúrgico abdominal, divididos em grupos controle e experimental, compostos utilizando-se a técnica de amostragem probabilística sistemática. RESULTADOS: nos 2 grupos, 22 pacientes (73,4% saíram da sala de operação com hipotermia, ou seja, temperatura inferior a 36ºC (p=1,0000. A temperatura da sala de operação na entrada do paciente e a temperatura do paciente na entrada da sala de operação foram estatisticamente significativas para influenciar a ocorrência de hipotermia. CONCLUSÃO: o planejamento e implementação das intervenções de enfermagem, realizadas pelo enfermeiro, são essenciais para prevenção da hipotermia e manutenção da normotermia perioperatória.

  20. Atividade antioxidante das folhas de espinheira-santa - Maytenus ilicifolia Mart. ex Reiss., secas em diferentes temperaturas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Myrian Lane Soares Negri

    Full Text Available Maytenus ilicifolia Mart. ex Reiss, a espinheira-santa verdadeira, é largamente utilizada para tratamento de gastrites e úlceras estomacais. O seu valor terapêutico é atribuído principalmente aos polifenóis (flavonóides e taninos e triterpenos. Os polifenóis são bastante estudados e estão relacionados à atividade antioxidante exercida pela planta. Existem vários métodos para avaliar a atividade antioxidante, a qual pode ser medida a capacidade antioxidante total utilizando o método de formação do complexo fosfomolibdênio e a atividade antioxidante em relação à redução de um radical, utilizando-se o DPPH (2,2-difenil-1-picrilhidrazila. A atividade antioxidante das folhas de espinheira-santa seca em diferentes temperaturas foi avaliada, visando verificar a possível influência das temperaturas de secagens e seu poder antioxidante. Foram utilizadas cinco temperaturas (40, 50, 60, 70 e 80 ºC e uma temperatura de secagem de rotina, de um produtor/beneficiador de plantas medicinais. As menores temperaturas apresentaram as maiores atividades antioxidantes.

  1. Qualidade pós-colheita de frutos de butiá em função do estádio de maturação na colheita e do manejo da temperatura Postharvest quality of jelly palm fruits as a result of maturity stage at harvest and temperature management

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cassandro Vidal Talamini do Amarante

    2008-02-01

    Full Text Available Este trabalho objetivou avaliar os efeitos do estádio de maturação na colheita, da temperatura de armazenamento e do tempo para o resfriamento na preservação da qualidade pós-colheita de frutos de butiá. Os frutos foram colhidos em três estádios de maturação (verde, verde-amarelo e amarelo e armazenados a 0±2°C e 20±2°C. Frutos armazenados a 0±2°C apresentaram melhor retenção de firmeza, de cor verde da epiderme, de acidez total titulável (ATT e de sólidos solúveis totais (SST, em relação àqueles armazenados a 20±2°C. Os benefícios da refrigeração na preservação pós-colheita foram maiores para frutos colhidos em estádio verde, apesar da sua qualidade inferior, caracterizada pelos altos valores de ATT e baixos valores de SST em relação aos colhidos nos estádios verde-amarelo e amarelo. Frutos armazenados a 0±2°C não apresentaram sintoma de injúria por frio. Durante todo o período de armazenamento, não foi possível observar a ocorrência de climatério respiratório. Não houve diferença significativa nas taxas respiratórias pós-colheita entre os estádios de maturação dos frutos na colheita. O incremento na temperatura de armazenamento de 0 a 30°C ocasionou um aumento significativo nas taxas respiratórias de 50,26 a 658,35 nmol CO2 kg-1 s-1, segundo um modelo sigmoidal, ou seja, um rápido incremento entre 0 a 10°C, seguido de um aumento gradual, tendendo a um equilíbrio na temperatura de 30°C. Houve efeito positivo da imediata refrigeração dos frutos após a colheita na preservação da firmeza, da cor verde da epiderme e da ATT, mas não dos teores de SST. A alta perecibilidade de butiá requer o imediato resfriamento a 0°C, de frutos colhidos no estádio de maturação verde-amarelo, visando a preservar a sua qualidade pós-colheita.This research was carried out to assess the effects of maturity stage at harvest, storage temperature, and cooling delay on postharvest quality preservation

  2. Histología de branquias, hígado y riñón de juveniles del pez neotropical Colossoma macropomum (Characiformes, Characidae expuesto a tres temperaturas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luz-Marina Rojas

    2013-06-01

    Full Text Available Colossoma macropomum es uno de los peces tropicales de agua dulce con mayor éxito en el cultivo en aguas continentales tropicales. Se realizó una evaluación histológica de branquias, hígado y riñón de este pez expuesto a tres temperaturas (T18, T29 y T35ºC. Se utilizaron 18 ejemplares juveniles con índices biométricos de 17.87±7.88cm y 87.69±34.23g. Los análisis histológicos fueron hechos de acuerdo a técnicas previamente descritas. Se encontró que las branquias, el hígado y el riñón de los peces T29 presentaron citoarquitectura normal. Por el contrario, en las branquias de los peces T18, se observaron gotas lipídicas inmersas en el tejido branquial; los peces T35 presentaron desorganización en la estructura del tejido branquial y necrosis celular. El hígado de los peces T18, mostró hepatocitos claros y oscuros y el de T35, presentó células con granulaciones citoplasmáticas y daño en la membrana plasmática. En el riñón de los T18, se observaron alteraciones en la distribución del tejido hematopoyético. La característica más resaltante en el riñón de los peces T35, fue la desorganización del tejido glomerular. En conclusión, la temperatura de 18°C se puede considerar crítica para la cachama y la de 35ºC severa. De los tres órganos evaluados, el hígado y las branquias resultaron ser los más sensibles a los daños inducidos por las temperaturas en esta especie.

  3. Efeito do teor inicial de água de sementes de feijão e da câmara no teste de envelhecimento acelerado

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Scappa Neto Angelo

    2001-01-01

    Full Text Available A temperatura interna das câmaras e o teor de água das sementes podem influenciar os resultados obtidos no teste de envelhecimento acelerado (EA e, consequentemente, sua interpretação. O trabalho foi desenvolvido com o objetivo de avaliar o efeito de diferentes teores iniciais de água de sementes de feijão nos resultados do teste de envelhecimento acelerado e as condições de temperatura e umidade relativa do ar no interior de duas câmaras de envelhecimento e das caixas plásticas (câmaras internas, durante a condução do teste. Utilizaram-se amostras de quatro lotes de sementes de feijão, cujo teor de água inicial foi ajustado para 8, 10 e 12%. As sementes foram submetidas ao envelhecimento em câmaras "jaquetada" de água e de germinação tipo BOD. Durante a realização do teste, foram monitorados, com um registrador de dados, os valores da temperatura e da umidade relativa do ar no interior das câmaras e das caixas plásticas, avaliados a cada 10 minutos, por sensores de cobre-constantan com bulbos seco e úmido, instalados no interior das mesmas. Verificou-se pequena variação de temperatura e umidade relativa do ar nas duas câmaras, sendo, porém, menor na "jaquetada". Em função da umidade relativa do ar na câmara "jaquetada" ter sido mais elevada, as sementes envelhecidas nessa câmara, apresentaram teor de água mais alto do que aquelas envelhecidas na BOD. Ambas as câmaras podem ser utilizadas para a realização do teste de envelhecimento acelerado de sementes de feijão.

  4. Efecto de la temperatura de incubación sobre algunos aspectos de la ontogenia de Phrynops hilarii (Testudines: Chelidae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Piña, Carlos I.

    2003-05-01

    Full Text Available Nuestro objetivo es establecer los efectos de la temperatura de incubación sobre diferentes aspectos de la ontogenia y la supervivencia de crías de P. hilarii. En el presente trabajo respondemos las siguientes preguntas: 1 ¿afecta la temperatura de incubación al período de incubación de P. hilarii?; 2 ¿cuál es la menor temperatura a la cual existe desarrollo embrionario de P. hilarii?; 3 ¿varía el éxito de eclosión de P. hilarii en relación a la temperatura a la cual se incuban los huevos?; 4 ¿está la supervivencia de P. hilarii hasta el año de edad relacionada a la temperatura de incubación?

  5. Controle de temperatura em intervenção cirúrgica abdominal convencional: comparação entre os métodos de aquecimento por condução e condução associada à convecção Control de temperatura en intervención quirúrgica abdominal convencional: comparación entre los métodos de calentamiento por conducción y conducción asociada a la convección Temperature control in conventional abdominal surgery: comparison between conductive and the association of conductive and convective warming

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marcelo Lacava Pagnocca

    2009-02-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: Hipotermia intra-operatória é complicação frequente, favorecida por operação abdominal. A eficácia da associação dos métodos de aquecimento por condução e convecção na prevenção de hipotermia e seus efeitos no período de recuperação pós-operatória foram os objetivos deste estudo. MÉTODO: Quarenta e três pacientes de ambos os sexos de 18 a 88 anos de idade, submetidos à laparotomia xifopúbica sob anestesia geral e monitorização da temperatura esofágica, foram distribuídos de modo aleatório em dois grupos de aquecimento: COND (n = 24, com colchão de circulação de água a 37°C no dorso e COND + CONV (n = 19, com a mesma condição associada à manta de ar aquecido a 42°C sobre o tórax e membros superiores. Analisados peso, sexo, idade, duração da operação e anestesia, temperaturas na indução anestésica (Mi, horas consecutiva (M1, M2, final da operação (Mfo e anestesia (Mfa, entrada (Me-REC e saída (Ms-REC da recuperação pós-anestésica (SRPA, além das incidências de tremores e queixas de frio no pós-operatório. RESULTADOS: Os grupos foram semelhantes em todas as variáveis analisadas, exceto nas temperaturas em M2, M3, M4, Mfo e Mfa. O grupo COND reduziu a temperatura a partir da segunda hora da indução anestésica, mas o grupo COND + CONV só na quarta hora. Em COND, observou-se hipotermia na entrada e saída da SRPA. CONCLUSÕES: Associar métodos de aquecimento retardou a instalação e diminui a intensidade da hipotermia intra-operatória, mas não reduziu a incidência das queixas de frio e tremores.JUSTIFICATIVA Y OBJETIVOS: La Hipotermia intraoperatoria es una complicación frecuente, favorecida por la operación abdominal. La eficacia de la asociación de los métodos de calentamiento por conducción y convección en la prevención de hipotermia y sus efectos en el período de recuperación postoperatoria, fueron los objetivos de este estudio. M

  6. Variações na composição de queijo Minas artesanal da Serra da Canastra nas quatro estações do ano.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luiz Carlos Gonçalves Costa Junior

    2009-12-01

    Full Text Available Muitos, estudos ja foram conduzido com queijos artesanais nas regiões produtoras dc estado de Minas Gerais, e particularmente na Serra da Canastra, porém, os mesmos ainda são muito carentes de estudos que permitam melhoria da qualidade, padronização entre produtores e ao longo das variações sazonais que acontecem. Este trabalho estudou a composição do queijo Canastra a partir da escolha de uma quedaria típica e tradicional da região e em cada uma das quatro estações do ano. Poucas diferenças de temperatura e umidade relativa puderam ser verificadas entre as estações que mostra uma descaracterização entre elas. Porém mesmo assim resultaram em diferenças significativas na composição dos queijos, também per causa da sazonalidade da produção do leite e variação no "pingo", e, ainda pela despadronização do leite para fabricação de queijo, mesmo com o processo de fabricação sendo bem padronizado.

  7. Efeito de níveis de água, coberturas do solo e condições ambientais na temperatura do solo e no cultivo de morangueiro em ambiente protegido e a céu aberto Effect of water levels, soil covers and enviroment in maximum soil temperature in strawberry crop in field and greenhouse

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Regina C. de M. Pires

    2004-12-01

    Full Text Available A temperatura do solo é um importante parâmetro no cultivo do morangueiro, pois interfere no desenvolvimento vegetativo, na sanidade e na produção. O objetivo do presente trabalho foi avaliar o efeito de diferentes níveis de água, coberturas de canteiro em campo aberto e em ambiente protegido, na temperatura máxima do solo no cultivo do morangueiro. Foram realizados dois experimentos: um em cultivo protegido e outro a campo aberto, em Atibaia - SP, em esquema fatorial 2 x 3 (coberturas do solo e níveis de irrigação, em blocos ao acaso, com cinco repetições. As coberturas de solo utilizadas foram filmes de polietileno preto e transparente. A irrigação localizada foi aplicada por gotejo sempre que o potencial de água no solo atingisse -0,010 (N1, -0,035 (N2 e -0,070 (N3 MPa, em tensiômetros instalados a 10 cm de profundidade. A temperatura do solo foi avaliada por termógrafos, sendo os sensores instalados a 5 cm de profundidade. Houve influência do ambiente de cultivo, da cobertura do solo e dos níveis de irrigação na temperatura máxima do solo. A temperatura do solo sob diferentes coberturas dependeu não somente das características físicas do plástico, como também da forma de instalação no canteiro. A temperatura máxima do solo aumentou com a diminuição do potencial da água no solo, no momento da irrigação.The soil temperature is an important parameter in strawberry crop, because, it interferes in vegetative development, plant health conditions and yield. The aim of this work was to evaluate the effect of different water levels, soil covers in field conditions and greenhouse in maximum soil temperature in strawberry crop. Two experiments were accomplished, one in greenhouse and other in field conditions, at Atibaia - SP, Brazil. The experimental design was a factorial 2 x 3 (soil covers and water levels, with 5 repetitions. The soil covers were clear and black plastics. The trickle irrigation was applied

  8. Modelagem matemática da secagem convectiva com radiação infravermelha de grãos de Moringa oleifera

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Vânia R. G. Nascimento

    2015-07-01

    Full Text Available Os modelos matemáticos aplicados à secagem auxiliam no dimensionamento de secadores, na previsão da taxa de secagem, melhoram as condições de secagem e avaliam a qualidade do processo; assim, o objetivo deste trabalho foi avaliar o ajuste dos modelos de Page, Midilli, Newton e da segunda lei de Fick aos dados experimentais da secagem convectiva com aplicação de radiação infravermelha de grãos de Moringa oleifera L. Avaliaram-se, também, o efeito dos fatores temperatura do ar (30-60 ºC, a velocidade do ar (0,55-1,05 m s-1, o tempo de aplicação da radiação infravermelha (120-300 s e a intensidade da radiação infravermelha (1500-4500 W sobre a difusividade efetiva, teor de água, atividade de água e tempo de secagem. Os modelos explicaram mais de 98% do comportamento da secagem destacando-se que o modelo de Midilli apresentou o melhor ajuste aos dados experimentais. A difusividade efetiva foi calculada com equação proposta pela Segunda Lei de Fick, solução para formato esférico e os valores obtidos variaram entre 6,44x10-10 e 9,89x10-10 m2 s-1. Os fatores temperatura do ar e tempo de aplicação da radiação infravermelha foram significativos sobre todas as respostas estudadas considerando-se 90% de confiança.

  9. A influência dos modos de variabilidade climática na temperatura em superfície na Antártica

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Douglas da Silva Lindemann

    2015-06-01

    Full Text Available Este trabalho analisa a variação sazonal da temperatura do ar à superfície (Tar na Antártica, e sua relação com os modos de variabilidade climática El Niño-Oscilação Sul (ENOS e Oscilação Antártica (OA. Os resultados indicam que para os 4 períodos sazonais as Tar nas estações localizadas no setor oriental da Antártica apresentaram significativas correlações negativas (nível de significância de 1% na maioria das estações com a OA. Todavia o único período sazonal, em que o setor continental (Amundsen-Scott, Dome C apresentou forte correlação negativa com a OA, foi durante o inverno (significativa a 1%. Correlações positivas foram encontradas (significâncias entre 1% e 5% entre as Tar da Península Antártica e Shetland do Sul com a OA para os períodos de outono, inverno e primavera. Os resultados demonstram a influência que a OA exerce sobre a climatologia da Tar na Antártica. É importante notar um dipolo entre as regiões oriental da Antártica e da Península Antártica, no que concerne as influências da OA. O modo de variabilidade ENOS apresentou correlação negativa significativa com as três estações da Península Antártica somente durante a primavera, enquanto que para a estação Rothera, à oeste da Península, a correlação foi significativa também para o outono e inverno. A correlação entre ENOS e Tar foi positiva e significativa no setor do Mar de Ross durante a primavera, e com o setor oriental da Antártica durante o verão, com nível de significância chegando a 5%.

  10. Aspectos históricos e metodológicos da medição e estimativa da taxa metabólica basal: uma revisão da literatura

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Wahrlich Vivian

    2001-01-01

    Full Text Available A taxa metabólica basal (TMB é uma das informações fisiológicas mais importantes em estudos nutricionais clínicos ou epidemiológicos, seja para se determinar as necessidades energéticas ou calcular o gasto energético de indivíduos ou populações. O presente artigo discute, com base numa revisão da literatura, a importância e os aspectos mais relevantes da medição da TMB. Inicialmente, faz-se um histórico do desenvolvimento dos conceitos e da técnica de medição da TMB até os dias atuais. São discutidos os fatores individuais (idade, antropometria, tabagismo, atividade física, dieta, ciclo menstrual e etnia e os possíveis fatores ambientais presentes na hora da medição (temperatura, local e repouso que podem influir no valor da TMB. Apresenta-se as várias equações de predição de TMB disponíveis, em especial a sugerida pela Organização Mundial da Saúde em 1985, e discute-se os estudos realizados desde então, que tentam validar seu uso internacionalmente, particularmente, em populações vivendo nos trópicos. O artigo aponta para a necessidade de se obter mais informações sobre o metabolismo basal nos vários segmentos populacionais vivendo em diferentes regiões do mundo, para que melhores estimativas possam ser fornecidas tanto para o uso clínico quanto epidemiológico.

  11. Estudo da cinética de secagem em camada delgada da bráctea da macambira

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    T. R. B. Pessoa

    2015-12-01

    Full Text Available A macambira é uma bromélia do sertão brasileiro e a sua principal utilização para consumo de suas brácteas é na forma de produtos secos, tais como a farinha. O objetivo deste trabalho foi estudar o processo de secagem em camada delgada da bráctea da macambira (Bromelia laciniosa, Mart. in natura a diferentes temperaturas. A secagem convectiva foi realizada a 43, 49 e 56 °C em condições constantes de velocidade e umidade absoluta do ar. Foi utilizado um secador de leito fixo com escoamento de ar perpendicular as partículas, cujos ensaios de secagem foram conduzidos até que as amostras alcançassem massa constante. A cinética de secagem foi avaliada através das curvas experimentais de secagem. A difusividade efetiva média de umidade foi determinada através de correlações empíricas e da solução do modelo de Fick para a difusão de água líquida. O aumento da temperatura do ar de secagem provocou o aumento da taxa de secagem e a diminuição do conteúdo de umidade das amostras ao longo de toda operação. As correlações empíricas (análoga a lei de resfriamento de Newton e de Page apresentaram melhores ajustes aos resultados experimentais em relação ao modelo de Fick. Os valores da difusividade média de umidade encontradas para a bráctea de macambira a 43, 49 e 56°C foi na ordem de 10-10 m/s². Os melhores resultados para a secagem de bráctea de macambira foi a 56°C.Mathematical modeling and effective diffusivity of drying process of bract of macambiraAbstract: The macambira is a bromeliad in the Brazilian arid regions and its main use for consumption of its bract is in the form of dry products such as flour. The objective of this work was to study the drying process thin layer bract macambira (Bromeliad laciniosa Mart. at different temperatures. The convective drying was performed at 43, 49 and 56 °C under constant air conditions of speed and absolute humidity. Experimental tests were conducted in a fixed

  12. Efecto de la temperatura sobre coloides de suelos agrícolas mediante dispersión dinámica de la luz

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Túlio Armando Lerma

    2015-12-01

    Full Text Available La materia orgánica y la fracción coloidal son los principales componentes edafológicos que se ven afectados por la quema indiscriminada de los matorrales. En consecuencia, por acción de las altas temperaturas se produce un deterioro de la estructura, pérdida de la capacidad de intercambio catiónico (CIC y disminución de la fertilidad de los suelos. Por otro lado, se ha planteado el uso de tratamiento térmico in situ como estrategia de cimentación de suelos arcillosos en la construcción de obras civiles. Sin embargo, el efecto de la temperatura sobre la fracción coloidal sólo se ha evaluado frente a propiedades mecánicas; pocos estudios en relación a propiedades de importancia agrícola como la CIC, la estructura y la susceptibilidad a la erosión han sido realizados. El objetivo del presente trabajo fue estudiar mediante dispersión dinámica de la luz (DLS el efecto de la temperatura sobre la fracción coloidal de suelos agrícolas. Para ello se recolectaron y caracterizaron dos muestras de suelos procedentes de los departamentos de Córdoba y Valle del Cauca. La fracción coloidal fue extraída mediante una variante del método de Bouyoucos y sometida a diferentes tratamientos térmicos (desde 150 a 550 °C. Las muestras se caracterizaron por análisis elemental, FT-IR, DLS y se evaluó su CIC. Se concluyó que las propiedades de la fracción coloidal son fuertemente alteradas por efecto de la temperatura, además de evidenciarse una disminución de la CIC (desde 76 a 35 y desde 103 a 26 cmol(+/kg de suelo, el incremento del tamaño de partícula (desde 639 ± 165 a 1250 ± 435 y 606 ± 102 a 1540 ± 320 para S-Córdoba y S-Valle, respectivamente así como la eliminación de la materia orgánica.

  13. Perfil altitudinal de la temperatura media del aire en Colombia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Eslava Jesus

    1992-10-01

    Full Text Available

    Se establecen ecuaciones que relacionan la temperatura media anual del aire en

    Colombia con la altitud. Por medio de ellas se posibilita estimar los valores de esa temperatura en cualquier lugar, con el requisito de conocer únicamente el dato de su altitud y ubicación regional; también se determinan los gradientes altitudinales que, a su vez, posibilitan conocer cualquier otro dato de temperatura del aire,  conociendo los datos de otro sitio o estación base. Las ecuaciones muestran que los valores a nivel del mar y la variación altitudinal de la temperatura del aire en Colombia no son únicos, sino que cambian según las condiciones físicas de cada región o subregión y se diferencias sustancialmente de los valores propuestos con anterioridad por otros autores.

    Equations that establish relations between annual average temperature and altitude are defined for Colombia. These equations allow to estimate temperature values at any place, just by knowing altitude and regional location data. It is also possible to determine altitudinal gradients, which in turn allows to know the temperature of a given place, from the data for a base. The defined equations show that temperature is not a unique function of altitudinal changes, but it also depends on specific physical conditions for each region or subregion.

  14. Tendências em séries anuais de precipitação e temperaturas no Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Júlio César Penereiro

    Full Text Available RESUMO Nas últimas décadas, pesquisadores científicos e acadêmicos em todo o mundo têm se preocupado com a avaliação das tendências dos climas regional e global. A avaliação das alterações no clima é uma ferramenta para o planejamento da sociedade, pois permite considerar as possíveis consequências do aumento das temperaturas do ar e de mudanças no regime de precipitação que foram observadas ao redor do mundo. Sob a hipótese da presença de alterações climáticas no Brasil, o objetivo do presente estudo foi identificar a existência de tendências climáticas em 243 séries anuais de temperaturas máxima, mínima e média do ar (T-Máx., T-Mín. e T-Méd. e precipitação pluviométrica (Prec. em cidades do Brasil. Foram empregados os testes estatísticos de Mann-Kendall (M-K. e Pettitt (Pett. para avaliação de tendências significativas. Para a visualização espacial das tendências observadas, foram elaborados mapas. Os resultados estatísticos mostram que, de todas as cidades estudadas, foram observadas tendências positivas na T-máx. em 35% das séries, negativas em 1% e ausência de tendência em 64%. Para a T-Mín., foram observadas tendências positivas em 30% dos casos, negativas em 8% e ausência de tendência em 63%. Na T-Méd., tendência positiva foi detectada em 35% das cidades analisadas, negativa em 3% e ausência de tendência em 62%. Por fim, na Prec., tendência positiva em 6% dos casos, negativa em 4% e ausência de tendência em 91%. As tendências observadas no presente estudo estão possivelmente relacionadas às atividades antrópicas em cada localidade, como o expansionismo urbano, o desenvolvimento industrial e o adensamento populacional.

  15. Determinação de temperatura de transição dúctil-frágil de plásticos através de testes de impacto instrumentado Determination of the brittle-ductile transition temperature in plastics by intrumented impact test 76

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Carlos A. Correa

    1999-01-01

    Full Text Available Nesse trabalho é realizada uma análise descritiva do teste de impacto tipo Izod instrumentado e são mostradas suas vantagens em relação ao impacto convencional na obtenção de diagramas de força e energia de fratura em tempo-real. Estes diagramas além de fornecerem dados do material em termos de sua resistência ao impacto tradicional, contém informações detalhadas sobre os mecanismos de fratura e as principais características apresentadas durante a propagação da trinca no corpo de prova. A medida da variação da resistência ao impacto com a temperatura pode ser utilizada como uma forma de se determinar a existência de transições dúctil-frágeis ou alternativamente a suscetibilidade de materiais poliméricos à concentração de tensões, i.e., profundidade e raio da extremidade do entalhe. As curvas de carga e energia, obtidas à várias temperaturas, são utilizadas na determinação de parâmetros do material e da temperatura de transição dúctil-frágil de um copolímero de acrilonitrila-butadieno-estireno (ABS. A análise da superfície de fratura por microscopia eletrônica de varredura, (MEV permitiu a correlação da forma das curvas de impacto com o modo de fratura observado e detalhes da microestrutura do material.The present work intends to point out some of the advantages of using instrumented impact testing over conventional non-instrumented methods in the failure analysis of plastics. In this method, force-displacement diagrams are obtained in "real-time" and used to calculate partial energies of initiation and complete fracture of the specimens. The diagrams yield important information on fracture mechanisms and main characteristics of the failure process. Variations of impact energy with temperature can be used in the determination of brittle-ductile transitions or alternatively for evaluation of material susceptibility to stress concentrations, i.e. depth and crack tip radii. The load and energy diagrams

  16. O USO DE CLORETO DE CÁLCIO E DA CAL PARA O TRATAMENTO PÓS-COLHEITA DE PODRIDÕES EM MAÇÃS

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    BRACKMANN AURI

    2001-01-01

    Full Text Available Foi desenvolvido um experimento para avaliar a influência da contaminação da água e a eficiência de produtos químicos na lavagem de maçãs cvs. Gala e Fuji sobre a ocorrência de podridão em frutos com ferimentos. O delineamento experimental foi inteiramente casualizado, com quatro repetições por cultivar e unidade experimental composta por 25 frutos. Os tratamentos foram: a Testemunha (seca; b Testemunha em água; c Inoculação com água com esporos; d Inoculação em água com esporos + 30 horas em temperatura ambiente; e 30 horas em temperatura ambiente + inoculação em água com esporos; f Cal Ca(OH2 (1,5%; g CaCl2 (1,5%. Inicialmente, todos os frutos sofreram quatro lesões de 0,2cm de diâmetro por 0,5cm de profundidade na região equatorial. Os frutos foram inoculados com uma solução de esporos de Penicillium sp. Após aplicação dos respectivos tratamentos, os frutos foram armazenados sob refrigeração a 0ºC para a 'Gala' e -0,5ºC para a 'Fuji'. As avaliações de incidência de podridão foram realizadas na abertura das câmaras (60 dias e após 7 e 14 dias de exposição a 20ºC. Não houve ocorrência de podridão aos 60 dias para os frutos tratados com cal, não diferindo estatisticamente dos tratados com CaCl2. Aos sete e 14 dias, a cal mostrou-se mais eficiente que o CaCl2 na cv. Gala. Os frutos que ficaram 30 horas em temperatura ambiente antes de serem inoculados com uma solução de esporos, apresentaram menor incidência de podridão que os inoculados antes da exposição por 30 horas à temperatura ambiente, indicando que, após a inoculação, o fungo necessita de temperatura adequada para causar podridão.

  17. Tolerância a baixas temperaturas de cultivares de abacate (Persea americana Mill.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Soares Nilberto Bernardo

    2002-01-01

    Full Text Available Em experimento realizado no Núcleo de Agronomia do Sudoeste/IAC, em Capão Bonito (SP, observou-se o comportamento de 13 cultivares de abacate com seis anos de idade: Geada, Pollock e Simmonds (raça antilhana; Antoniolli, Breda, Campinas, Ermor, Jumbo, Margarida, Ouro verde, Reis e Solano (híbridos de antilhana x guatemalense e Fuerte (híbrido de mexicana x guatemalense em relação às baixas temperaturas. As temperaturas do ar registradas no posto meteorológico do local foram: -2,8degreesC; -0,4degreesC; -0,2degreesC e -1,8degreesC, respectivamente, nos dias 17; 18; 20 e 21 de julho de 2000. A cultivar Fuerte mostrou-se mais tolerante às baixas temperaturas, não apresentando injúrias nas plantas nem queda de frutos; as cultivares híbridas de antilhana x guatemalense apresentaram diferenças de tolerância ao frio; enquanto as antilhanas foram severamente injuriadas.

  18. Avaliação de circuito eletrônico para medição de temperatura em instalações agrícolas por meio da porta paralela de um computador Evaluation of an electronic circuit for temperature measurement in agricultural buildings using the PC's parallel port

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Antonio J. Steidle Neto

    2006-08-01

    Full Text Available Os sistemas de aquisição de dados de temperatura disponíveis comercialmente apresentam alto custo e grande complexidade operacional para a sua utilização em instalações agrícolas climatizadas. Este trabalho teve por objetivos propor, calibrar e validar um circuito eletrônico de baixo custo para a aquisição de dados de temperatura com base na freqüência de oscilação da tensão elétrica (0 a 5 V. O sensor empregado no circuito foi um termistor com resistência ômica de 10 kômega 25 ºC e coeficiente de temperatura negativo. O circuito eletrônico, conectado a um computador via porta paralela, foi calibrado por comparação com um termômetro-padrão de mercúrio em vidro. Após as medições, análises de regressão foram realizadas com os dados experimentais, gerando-se equações que relacionam freqüência com resistência e resistência com temperatura. Os coeficientes de determinação demonstraram excelentes correlações entre as variáveis (R² > 0,9999. Posteriormente, foram realizadas comparações entre as medições obtidas com o circuito eletrônico e dois sistemas convencionais de aquisição de dados. Os resultados demonstraram que o circuito proposto é capaz de medir com exatidão e precisão a temperatura na faixa de 10 a 40 ºC.The temperature data acquisition systems available commercially present high costs and operational complexity to be applied in environment controlled agricultural buildings. The objective of this work was to propose, calibrate and validate a low cost electronic circuit for measuring temperature based on the frequency of an alternating voltage (0 to 5 V. The sensor connected to the circuit was a thermistor with resistance of 10 komega 25 ºC and negative temperature coefficient. The electronic circuit was connected to a computer using the parallel port and calibration was performed by comparing the thermistor to a standard liquid-in-glass thermometer. Regression analyses were performed on

  19. CARACTERIZACION DE GENES DESHIDRINA EN EUCALYPTUS GLOBULUS CUYA EXPRESION ES INDUCIDA POR LA ACLIMATACION A BAJA TEMPERATURA

    OpenAIRE

    FERNANDEZ REYES, MARTA ALEJANDRA

    2011-01-01

    Eucalyptus globulus es una especie importante para la producción de pulpa de madera en Chile, sin embargo presenta una gran sensibilidad a temperaturas de congelamiento. Durante los últimos años, muchos estudios han enfocado sus esfuerzos en dilucidar los mecanismos que regulan la respuesta de las plantas a baja temperatura, mediante el análisis de la expresión génica. En el presente trabajo se estudia la expresión de genes deshidrina durante el proceso de aclimatación a baja temperatura y...

  20. CARACTERIZACION DE GENES DESHIDRINA EN EUCALYPTUS GLOBULUS CUYA EXPRESION ES INDUCIDA POR LA ACLIMATACION A BAJA TEMPERATURA

    OpenAIRE

    FERNANDEZ REYES ; MARTA ALEJANDRA; FERNANDEZ REYES ; MARTA ALEJANDRA

    2011-01-01

    Eucalyptus globulus es una especie importante para la producción de pulpa de madera en Chile, sin embargo presenta una gran sensibilidad a temperaturas de congelamiento. Durante los últimos años, muchos estudios han enfocado sus esfuerzos en dilucidar los mecanismos que regulan la respuesta de las plantas a baja temperatura, mediante el análisis de la expresión génica. En el presente trabajo se estudia la expresión de genes deshidrina durante el proceso de aclimatación a baja temperatura y la...

  1. Influência da temperatura e velocidade do ar na secagem de manjericão (Ocimum basilicum L. com relação aos teores de óleos essenciais e de linalol Influence of drying temperature and air velocity related to essential oil and linalol contents of the basil (Ocimum basilicum L.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rilvaynia Dantas Soares

    2007-08-01

    Full Text Available Neste trabalho, objetivou-se estudar a influência de quatro temperaturas de ar de secagem (40, 50, 60 e 70 ºC, em camada fina, e duas velocidades do ar (0,9 e 1,9 m/s sobre o teor de linalol do manjericão (Ocimum basilicum L. Utilizou-se um secador de bandejas especialmente desenvolvido, no laboratório de Secagem da UESB, Campus de Itapetinga-BA. Foram feitas quatro repetições, com 100 g de folhas frescas em cada uma das cinco bandejas da câmara de secagem. Na extração do óleo essencial, utilizou-se um sistema de destilação por arraste a vapor e a análise do óleo essencial foi realizada em um cromatógrafo conectado a um e espectrômetro de massa (CG-MS. Os maiores rendimentos de óleos essenciais de manjericão foram obtidos no processo de secagem com temperatura do ar igual a 40 ºC e 1,9 m/s de velocidade do ar. Os maiores rendimentos de linalol foram obtidos com temperatura do ar de secagem na faixa de 50 a 60 ºC e 1,9 m/s de velocidade do ar (2,23 e 2,47 ppm, respectivamente. Por análise de regressão, estimou-se que a temperatura de 54,4 ºC e a velocidade de 1,9 m/s forneceriam o maior rendimento de linalol. Concluiu-se que a composição química do óleo essencial do manjericão é afetada tanto pela temperatura como pela velocidade do ar de secagem.This work aimed to study the influence of four thin layer drying temperatures (40, 50, 60 and 70 ºC and two air velocities (0.9 and 1.9 m/s in the content of linalol of the Basil (Ocimum basilicum L.. It was used a tray dryer specially built for this experiment in the drying laboratory of the UESB at the "Campus de Itapetinga-Ba". There were made four repetitions with 100 g of fresh leaves in each one of the five trays in the dry chamber In the extraction of the essential oil, a vapor hauling system was used and the oil analysis was made in a gas chromatographer that was connected to a mass spectrometer (CG-MS. The greatest extracted profits of basil's essential oil were

  2. Avaliação da permeabilidade de filtros de aerossóis para altas temperaturas, preparados a partir da técnica de adição de espuma aquosa em suspensão cerâmica Permeability characterization of hot aerosol filters prepared with foaming of ceramic suspensions

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    M. D. M. Innocentini

    2009-12-01

    Full Text Available Este trabalho é parte de um projeto de desenvolvimento de filtros cerâmicos para a remoção de material particulado disperso em correntes gasosas em temperaturas elevadas. Os filtros cerâmicos utilizados para esta finalidade devem apresentar elevada porosidade aliada a uma distribuição homogênea de poros interconectados, resultando em estrutura permeável e com boa resistência mecânica e eficiência de coleta. Uma rota de processamento recentemente desenvolvida é utilizada para o processamento das peças, já que permite a obtenção de todas as características requeridas para uma filtração eficiente. Nesta técnica, os materiais porosos são processados a partir da incorporação de espumas aquosas em uma suspensão cerâmica de alumina e consolidados a partir da adição de cimento aluminoso. Comparado com outras rotas de processamento, este processo é mais atrativo, pois permite a fabricação de peças com geometrias complexas, economicamente viáveis e sem utilização de aditivos tóxicos. O objetivo deste trabalho foi otimizar a composição cerâmica de modo a atender aos requisitos de permeabilidade do filtro, tendo como base sua operação econômica em temperaturas elevadas em processos como incineração de resíduos, produção de cimento ou queima de biomassa em caldeiras em plantas químicas.This work is part of a project to develop ceramic filters to treat flue gases from cement plants, biomass boilers and waste incinerators. Ceramic filters used for these purposes must present high porosity, homogeneous porous distribution (interconnected to result in bodies with high mechanical strength, permeability and collection efficiency for fine particles. A method recently developed has been used for the filters processing. In this new processing route, the porous samples were prepared through the incorporation of aqueous foams into alumina-based suspensions. Compared to other techniques, this process seems to be an

  3. Otimização da permeabilidade de filtros de aerossóis para altas temperaturas preparados a partir da técnica de adição de espuma aquosa em suspensão cerâmica Permeability optimization of hot aerosol filters prepared from foaming of ceramic suspensions

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    M. D. M. Innocentini

    2009-03-01

    Full Text Available Este trabalho é parte de um projeto de desenvolvimento de filtros cerâmicos para a remoção de material particulado disperso em correntes gasosas em temperaturas elevadas. Os filtros cerâmicos utilizados para esta finalidade devem apresentar elevada porosidade aliada a uma distribuição homogênea de poros interconectados, resultando em estrutura permeável e com boa resistência mecânica e eficiência de coleta. Uma rota de processamento recentemente desenvolvida é utilizada para o processamento das peças, já que permite a obtenção de todas as características requeridas para uma filtração eficiente. Nesta técnica, os materiais porosos são processados a partir da incorporação de espumas aquosas em uma suspensão cerâmica de alumina e consolidados a partir da adição de cimento aluminoso. Comparado com outras rotas de processamento, este processo é mais atrativo, pois permite a fabricação de peças com geometrias complexas, economicamente viáveis e sem utilização de aditivos tóxicos. O objetivo deste trabalho foi otimizar a composição cerâmica de modo a atender aos requisitos de permeabilidade do filtro, tendo como base sua operação econômica em temperaturas elevadas em processos como incineração de resíduos, produção de cimento ou queima de biomassa em caldeiras em plantas químicas.This work is part of a Brazilian project to develop ceramic filters to treat flue gases from cement plants, biomass boilers and waste incinerators. Ceramic filters used for these purposes must present high porosity, homogeneous porous distribution (interconnected to result in bodies with high mechanical strength, permeability and collection efficiency for fine particles. A method recently developed has been used for the filters processing. In this new processing route, the porous samples were prepared through the incorporation of aqueous foams into alumina-based suspensions. Compared to other techniques, this process seems to be

  4. Temas de Física para Ingeniería: Temperatura y propagación del calor

    OpenAIRE

    Beléndez Vázquez, Augusto

    1992-01-01

    Acústica, fluidos y termodinámica: "Temperatura y propagación del calor". Introducción. Descripciones macroscópica y microscópica de un sistema. Equilibrio térmico y principio cero de la termodinámica. Termómetros y escala de temperaturas del gas ideal. Dilatación térmica. Propagación del calor.

  5. Atividade respiratória e evolução de etileno em alface crespa minimamente processada armazenada sob duas temperaturas Respiratory activity and ethylene evolution of fresh-cut crisphead lettuce stored under two temperatures

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Leonora Mansur Mattos

    2008-12-01

    Full Text Available O processamento mínimo de hortaliças envolve operações que ocasionam diversas alterações metabólicas no tecido processado, como elevação da atividade respiratória e evolução de etileno. A respiração é um processo complexo pelo qual reações químicas oxidam compostos orgânicos a dióxido de carbono e água para produção de energia. O aumento na evolução de etileno é, também, de extrema importância e pode ser observado em hortaliças submetidas ao processamento mínimo. No presente trabalho, estudaram-se efeitos fisiológicos desencadeados pelo processamento mínimo de alface (Lactuca sativa L., visando conhecer a melhor temperatura de armazenamento bem como o estresse causado pelo processamento mínimo afeta o produto. Verificou-se que, logo após o processamento mínimo, as taxas respiratórias eram estatisticamente diferentes para os materiais processados a 5 e 10 mm e folha inteira, tanto na temperatura de 5 ºC quanto a 10 ºC. Verificou-se que o armazenamento a 5 ºC reduziu de forma mais rápida o metabolismo respiratório quando se comparou com o armazenamento a 10 ºC. O perfil das curvas de atividade respiratória e evolução de etileno da alface processada a 10 mm foi o mesmo para as duas temperaturas estudadas, diferindo apenas nos valores, que foram mais altos, conforme esperado, para a temperatura de 10 ºC. No armazenamento à temperatura de 5 ºC, pôde-se observar a redução da evolução de etileno para o material processado a 10 mm, mas não para o processado a 5 mm, nas duas primeiras horas após o processamento mínimo. A melhor temperatura para o armazenamento da alface minimamente processada foi de 5 ºC e o produto processado como folha inteira apresentou menor taxa respiratória e elevação de etileno.Fresh-cut technology involves many operations that might cause metabolic alterations in the processed tissue such as increase in respiration rate and ethylene evolution. Respiration is a complex

  6. Modelagem do vento e da fotosfera de AG Carinae

    Science.gov (United States)

    Groh, J. H.; Damineli, A.

    2003-08-01

    A trajetória evolutiva das estrelas de alta massa depende fortemente de suas taxas de perda de massa. Apesar do rápido progresso no estudo destas estrelas, a taxa de perda de massa e outros parâmetros físicos básicos, como a temperatura superficial e a velocidade terminal do vento ainda não estão bem determinados. Isto ocorre devido à presença de ventos irregulares, rápidos e fortes ao redor destas estrelas, tornando a interpretação dos seus espectros uma tarefa difícil. Assim, a modelagem do vento e da fotosfera dessas estrelas está sendo cada vez mais usada para obter tais parâmetros a partir dos espectros. O aumento da taxa de perda de massa durante a fase LBV (Variáveis Luminosas Azuis), comparado com outros tipos de estrelas, tem sido atribuído a instabilidades do tipo S Doradus. Dispomos de uma base de dados espectroscópicos cobrindo 22 anos de observações de AG Carinae, incluindo um ciclo S Doradus completo, com espectros CCD em alta resolução na faixa óptica e infravermelha. Utilizamos o programa desenvolvido por Schmutz (1997) para uma análise preliminar desse ciclo, obtendo a taxa de perda de massa a partir da linha do Ha. Não existe uma correlação clara da taxa de perda de massa com mudanças da temperatura efetiva, do raio da estrela e do fluxo na banda V. A estrela atingiu seu mínimo fotométrico (raio mínimo) em 1990 e o máximo fotométrico (raio máximo) em 1995, enquanto que o fluxo máximo da linha do Ha ocorreu em 1996. Além disso a taxa de perda de massa não segue esse ciclo, contrariamente às idéias correntes. Para fazer um modelo mais realista estamos usando o programa CMFGEN (Hillier & Miller), que trata a fotosfera e o vento estelar de forma consistente, considerando a radiação fora do equilíbrio termodinâmico (NLTE) e com blanketting total de linhas. Simulamos o espectro de AG Carinae em duas épocas extremas do ciclo S Dor para testar os resultados obtidos com o modelo mais simplificado.

  7. Unidades fototérmicas e temperatura-base inferior de frutos de Mangueira Alfa, na Baixada Cuiabana Photothermal units and lower base temperature for alfa mango fruit on the Baixada Cuiabana

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marcelo Paes de Barros

    2010-06-01

    Full Text Available O objetivo deste trabalho foi determinar a temperatura-base inferior (Tb a partir da unidade fototérmica (UF para o cultivo experimental de manga Alfa sob condições de cerrado. Foram utilizados dados diários da temperatura do ar disponibilizados pela Estação Agrometeorológica Padre Ricardo Remetter, localizada em Santo Antônio do Leverger-MT (15,8° S e 56,1° W, 140 m, e avaliação sensorial do estádio de maturação dos frutos de manga. A Tb foi determinada pelo método da menor variabilidade das unidades fototérmicas (UF acumuladas do período da floração à colheita dos frutos, variabilidade avaliada pelo coeficiente de variação (cv simulado para diferentes valores da Tb. De julho a novembro de 2007, em três plantas de um pomar demonstrativo irrigado, foram identificados 82 frutos para o acompanhamento do crescimento e maturação. Entre esses frutos, em meados de dezembro de 2007, foi possível identificar 13 frutos que atingiram a maturidade fisiológica, após um período médio de observação de 112 dias. Para exigência fototérmica de 1.878.166,1 UF, encontrou-se Tb de 10 °C, valor consistente com os apresentados na literatura para a cultivar de manga, o que comprova a eficiência do método que combina a ação da temperatura e do fotoperíodo sobre a maturação dos frutos e que confere um caráter mais racional que o método tradicional da soma térmica.In this study was to determine the lower base temperature (Tb for Alfa mango fruit, using the photothermal units (PTU method in cerrado conditions. The meteorological data for the study were acquired from "Padre Ricardo Remetter" meteorological station located at Santo Antonio do Leverger, MT, Brazil (15,8° S and 56,1° W, 140 m, and the fruit data was acquired by sensorial evaluation of mango fruit maturation state. The Tb was determined by less variability of the coefficient of variation (cv method applied to the PTU sum, from flowering to harvest, simulated for

  8. METODOLOGIA DE SUPERFÍCIE DE RESPOSTA PARA AVALIAR O EFEITO DA CARBONATAÇÃO SOBRE A MICROBIOTA E VISCOSIDADE DO LEITE CRU

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marianne Ayumi Shirai

    2010-08-01

    Full Text Available Este trabalho teve como objetivo verificar o efeito da carbonatação sobre a multiplicação de microrganismos e da viscosidade do leite cru durante o armazenamento refrigerado. Foi aplicado um planejamento fatorial 23 completo onde avaliou-se o efeito das variáveis pH (5,8 a 6,4, tempo (0 a 10 dias e temperatura (5 a 10°C de armazenamento do leite carbonatado sobre as respostas psicrotróficos, psicrotróficos proteolíticos, mesófilos e viscosidade. Os resultados mostraram que após 10 dias, a carbonatação em pH 5,8 inibiu a multiplicação de todos os microrganismos pesquisados independente da temperatura de armazenamento. A viscosidade não foi alterada logo após a carbonatação, mas durante a estocagem refrigerada houve elevação nos valores desta propriedade. Os modelos de superfície de resposta foram adequados para predizer a contagem de mesófilos e psicrotróficos e medida da viscosidade, pois a falta de ajuste não foi significativa e o coeficiente de determinação (R2 foi maior que 0,95.

  9. ANÁLISE TERMODINÂMICA DA DESTERPENAÇÃO DO ÓLEO DA CASCA DE LARANJA COM CO2 SUPERCRÍTICO A PARTIR DE UMA MISTURA SINTÉTICA

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Silvio A.B. VIEIRA DE MELO

    1997-12-01

    Full Text Available O projeto do processo de desterpenação do óleo da casca de laranja com CO2 supercrítico exige o bom conhecimento do comportamento de fases da mistura envolvida. Neste trabalho, faz-se uma análise termodinâmica preliminar desse processo, calculando-se a seletividade a partir da modelagem do equilíbrio líquido-vapor (ELV para o sistema CO2-limoneno-linalol, com base em dados ternários medidos recentemente. Utilizou-se uma modificação da equação de Peng-Robinson e, com dados binários de ELV, avaliou-se a sua capacidade preditiva considerando-se 2 aspectos: a predição do equilíbrio a uma certa temperatura usando-se os parâmetros estimados em outra temperatura e a predição do comportamento de fases do sistema ternário com os parâmetros estimados dos sistemas binários. Foram determinados também os parâmetros de interação entre limoneno e linalol a partir dos dados experimentais do ternário.Process design for supercritical CO2 deterpenation of orange peel oil requires accurate knowledge of phase behavior. This work is focused on modeling high-pressure vapor-liquid equilibrium for the ternary system CO2-limonene-linalool, owing to do a preliminary thermodynamics analysis of this process based on calculated selectivity values. A modification of Peng-Robinson equation of state was adopted to regress binary interaction parameters from experimental VLE data and its capacity for temperature extrapolating calculations was investigated. A comparison of ternary VLE obtained from the respective binary systems and that calculated using additionally ternary informations was done.

  10. Root growth and lignification of glyphosate susceptible and resistant soybean at low temperaturesCrescimento e lignificação de raízes de soja convencional e resistente ao glifosato, em baixa temperatura

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Patricia da Costa Zonetti

    2013-05-01

    Full Text Available Low temperature stress affects plant growth, including primary and secondary metabolism. Glyphosateresistant soybean contains a modified DNA, which encodes a different type of secondary metabolism enzyme related to lignin synthesis compared to conventional glyphosate-susceptible cultivars. Thus, this soybean cultivar might respond differently to low temperatures, compared to glyphosate-susceptible cultivars. This work aimed to investigate how decreasing temperatures influence the growth and lignin content of the glyphosate-resistant soybean compared to its susceptible parental cultivars. Three-day-old seedlings were cultivated in nutrient solution at 10, 15, 20, and 25°C (±2°C, using a 12-h photoperiod. After 96 h, taproot growth, fresh and dry biomass, and lignin levels were determined. The results indicate that lower temperatures decreased seedling and root growth in both types of cultivars; however, glyphosate-resistant soybean exhibited greater root length, biomass, and lignin content compared to the glyphosate-susceptible parental cultivar. O estresse causado pela baixa temperatura, dentre outras implicações, afeta o crescimento do vegetal assim como o seu metabolismo secundário. Pelo fato da soja RR apresentar variante enzimática de uma das principais vias do metabolismo secundário, ligada à síntese de lignina, pode apresentar comportamento diferenciado, sob baixa temperatura, se comparada com sua linhagem parental. O objetivo deste trabalho foi investigar possíveis diferenças no crescimento e nos conteúdos de lignina nas raízes de soja cultivar transgênica resistente ao glifosato e cultivar parental em resposta a redução de temperatura. Após três dias de germinação das sementes, as plântulas foram mantidas em solução nutritiva, a 10, 15, 20 e 25°C (±2°C, com fotoperíodo de 12 horas. Após 96 horas, foi avaliado o comprimento relativo da raiz primária, biomassa fresca e seca das raízes e os teores de lignina

  11. Coordenadas geográficas na estimativa das temperaturas máxima e média decendiais do ar no Estado do Rio Grande do Sul Geographic coordinates in the ten-day maximum and mean air temperature estimation in the State of Rio Grande do Sul, Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Alberto Cargnelutti Filho

    2008-12-01

    Full Text Available A partir dos dados referentes à temperatura máxima média decendial (Tx e à temperatura média decendial (Tm do ar de 41 municípios do Estado do Rio Grande do Sul, de 1945 a 1974, este trabalho teve como objetivo verificar se a Tx e a Tm podem ser estimadas em função da altitude, latitude e longitude. Para cada um dos 36 decêndios do ano, realizou-se análise de correlação e estimaram-se os parâmetros do modelo das equações de regressão linear múltipla, considerando Tx e Tm como variável dependente e altitude, latitude e longitude como variáveis independentes. Na validação dos modelos de estimativa da Tx e Tm, usou-se o coeficiente de correlação linear de Pearson, entre a Tx e a Tm estimada e a Tx e a Tm observada em dez municípios do Estado, com dados da série de observações meteorológicas de 1975 a 2004. A temperatura máxima média decendial e a temperatura média decendial podem ser estimadas por meio da altitude, latitude e longitude, em qualquer local e decêndio, no Estado do Rio Grande do Sul.The objective of this research was to estimate ten-day maximum (Tx and mean (Tm air temperature using altitude and the geographic coordinates latitude and longitude for the Rio Grande do Sul State, Brazil. Normal ten-day maximum and mean air temperature of 41 counties in the State of Rio Grande do Sul, from 1945 to 1974 were used. Correlation analysis and parameters estimate of multiple linear regression equations were performed using Tx and Tm as dependent variable and altitude, latitude and longitude as independent variables, for the 36 ten-day periods of the year. Pearson's linear correlation coefficient between estimated and observed Tx and Tm, calculated for tem counties using data of were used as independent data sets. The ten-day maximum and mean air temperature may be estimated from the altitude and the geographic coordinates latitude and longitude in the State of Rio Grande do Sul.

  12. THE DEPLOYMENT OF BIODIGESTER SYSTEMS IN RURAL PROPERTIES / ANÁLISE DA IMPLANTAÇÃO DE SISTEMAS BIODIGESTORES EM PROPRIEDADES RURAIS

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    M.C.R. HALMEMAN

    2014-12-01

    Full Text Available A suinocultura é apresenta forte impacto na economia nacional e internacional de carnes. Este setor do agronegócio gera dejetos sólidos e líquidos que, quando depositados inadequadamente impactam o ambiente. Uma alternativa para o tratamento destes efluentes seria aliar um manejo apropriado da biomassa residual com sistema biodigestor. Deste modo, o objetivo do trabalho foi levantar dados para implantar um sistema biodigestor em uma propriedade rural em Mamborê-PR, com um plantel de 330 matrizes. Foi obtido o valor de 30.301,49 kg.dia-1 de fezes e urina, e a utilização de 15,673 m3 de água. O volume diário de dejetos possibilitou estimar a quantidade de biogás, considerando tempos de detenção hidráulica (TDH de 22 dias e 30 dias, com a variação de temperatura da biomassa de 20°C, 25°C e 30°C. A estimativa da energia elétrica produzida foi de 105.553,95 kWh.ano-1 com TDH de 22 dias e temperatura de 20°C. O biofertilizante produzido nestas condições foi de 27.500 kg. Assim, o biogás produzido poderia gerar energia elétrica para suprir as necessidades da propriedade e o biofertilizante produzido poderia ser utilizado nos cultivos da propriedade ou comercializado.

  13. Fenología reproductiva y tolerancia a temperaturas altas en Stenocereus queretaroensis

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Whaleeha Gudiño

    2015-07-01

    Full Text Available Numerosas especies de cactáceas presentan frutos comestibles, por lo que han adquirido un papel importante dentro de la agricultura de zonas áridas y semiáridas, tanto para el comercio regional como para el internacional. Las pitayas son el tercer cultivo más importante dentro de las cactáceas después del nopal y la pitahaya. La fenología reproductiva deStenocereus queretaroensisrequiere condiciones específcas de temperatura y precipitación, así como también de la existencia de los polinizadores para asegurar la producción de frutos. Se cuantificó la producción de botones, flores abiertas y frutos de 2010 a 2012. Y se evaluó el efecto de temperaturas altas en la integridad celular de tejidos florales. Se midió la producción de néctar y la concentración de solutos a través del tiempo durante la antesis. La temperatura letal (LT50 para el ovario en promedio fue de 34.5 ± 0.4°C no varió para los botones y las flores. Por su parte los pétalos de los botones presentan una LT50 21.5 ± 1.6°C y que para el caso de las flores en antesis fue 33% mayor. El desarrollo reproductivo frecuentemente requiere de la acumulación de cierta cantidad de estas unidades de frío. El tejido de estructuras jóvenes tolera más el aumento de la temperatura, que sus contrapartes maduras.

  14. Efeito da acidificação nas propriedades físico-químicas e funcionais do amido de sementes de manga (Mangifera indica L., variedade Tommy Atkins

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marianne Louise Marinho Mendes

    2015-06-01

    Full Text Available No processamento industrial da manga, os subprodutos, caroço e casca são, normalmente, descartados sem o devido aproveitamento. O objetivo deste trabalho foi investigar as características físico-químicas e funcionais dos amidos nativo e acidificado do caroço (amêndoa de manga, da variedade Tommy Atkins, pesquisando uma nova fonte de amido e formas de melhorá-la e contribuir para a utilização de resíduos da indústria alimentícia. As amêndoas foram retiradas manualmente dos caroços de manga e procedeu-se a extração do amido. O amido nativo foi acidificado, sendo o agente promotor da modificação o ácido clorídrico. Verificou-se a composição química do amido nativo. Determinaram-se também as propriedades funcionais e de pasta do amido nativo e do acidificado. Para a composição centesimal, o amido nativo apresentou 71,56% de amido, 7,30% de lipídeos e 5,6% de proteínas. Os amidos nativo e acidificado demonstraram baixa resistência à elevação da temperatura, com intumescimento máximo a 75 oC, sendo seus valores 9,395 e 6,861 g/g, respectivamente. A solubilidade mostrou-se crescente, à medida que houve elevação da temperatura, sendo seu valor máximo 48,03% para o amido acidificado. O amido nativo expôs maior capacidade de absorção de água, óleo e claridade da pasta. O referido amido ainda apresentou maior pico de viscosidade, viscosidade mínima, quebra de viscosidade, viscosidade final, retrogradação e temperatura de pasta do que os do amido acidificado. O amido nativo pode ser indicado para compor sopas desidratadas e produtos cárneos, enquanto o acidificado pode ser usado em alimentos congelados e refrigerados e na indústria de balas.

  15. Trocas gasosas e fluorescência da clorofila em plantas de berinjela sob lâminas de irrigação

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Flaviana G. da Silva

    2015-10-01

    Full Text Available RESUMOA berinjela tem grande importância nutricional e socioeconômica, sendo cultivada e comercializada em vários países, principalmente em ambiente protegido; sua produção, assim como a de inúmeros cultivos agrícolas, é dependente de fatores como água, nutrientes e luz; propôs-se, assim, com este trabalho, avaliar as trocas gasosas, fluorescência da clorofila a e temperatura foliar de berinjela cultivada em ambiente protegido em diferentes lâminas de irrigação. O estudo foi realizado em casa de vegetação utilizando-se delineamento inteiramente casualizado, com 5 tratamentos e oito repetições, totalizando 40 unidades experimentais. Os tratamentos constaram de cinco lâminas de irrigação: 33, 66, 100, 133 e 166% da ETc, as quais corresponderam a 133, 266, 403, 536, 669 mm planta-1 ciclo-1, respectivamente. A taxa fotossintética das plantas de berinjela aumenta com o acréscimo da reposição hídrica. Os valores mais expressivos de trocas gasosas (A, E, gs, Ci, EiUA e EiC nas plantas de berinjela, de forma geral, foram observados quando se utilizaram, na irrigação, lâminas estimadas entre 123,52 e 166% da ETc. A fluorescência da clorofila aumentou com o aumento das lâminas de irrigação e a temperatura foliar diminuiu em função do aumento da água.

  16. Estudio del efecto de la temperatura sobre la fermentación acetobulítica

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    L. Cruz

    1996-01-01

    Full Text Available En este trabajo se estudia el efecto de la temperatura sobre la velocidad específica de crecimiento, el consumo de sustrato y la producción de solventes en la fermentación acetobutilica, FABE. Se obtuvieron las temperaturas más apropiadas para las fases acidogénica y solventogénica y la influencia de la edad del inóculo sobre el crecimiento celular y la producción de solventes.

  17. Efeitos da temperatura no desenvolvimento, fecundidade e longevidade de Gargaphia torresi Lima (Hemiptera, Tingidae Effects of temperature on the development, fecundity, and longevity of Gargaphia torresi Lima (Hemiptera, Tingidae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Carlos Alberto Domingues da Silva

    2004-12-01

    Full Text Available O desenvolvimento de Gargaphia torresi Lima em folhas de algodão foi estudado em câmara climatizada a 20, 23, 25, 28 e 30ºC, umidade relativa de 70±10% e fotofase de 12h. O período de incubação variou de 11 (20ºC a 4 (30ºC dias; o estágio ninfal de indivíduos que originaram fêmeas e machos variou de 20,8 (20ºC a 8,3 (30ºC dias e de 28,8 (20ºC e 8,6 (30ºC dias, respectivamente. O desenvolvimento dos estágios imaturos para indivíduos que originaram fêmeas e machos variou de 31,8 (20ºC a 12,3 (30ºC dias e de 31,5 (20ºC a 12,6 (30ºC dias, respectivamente. Os valores de longevidade e fecundidade foram inversamente proporcionais ao aumento da temperatura. As exigências térmicas (K e temperaturas-base (Tb foram estimadas para cada um dos estágios imaturos e de ovo à emergência de adultos (machos e fêmeas de acordo com a Lei de Reamur e com o método de intercecção de X, respectivamente. Os estágios imaturos para indivíduos que originaram fêmeas e machos adultos requereram 209,4 e 220,3 graus-dia da oviposição à emergência do adulto, respectivamente, acima dos limites inferiores de 13,9 e 13,6ºC.The development of Gargaphia torresi Lima on cotton leaves was studied in bioclimatic chambers at 20, 23, 25, 28 and 30ºC, relative humidity of 70±10%, and a 12h:12h (L:D photoperiod. The incubation period varied from 11 (20ºC to 4 (30ºC days; nymphal stage of individuals that originated females and males varied from 20.8 (20ºC to 8.3 (30ºC days and from 20.8 (20ºC to 8.6 (30ºC days, respectively. Development of immature stages for individuals that originated females and males varied from 31.8 (20ºC to 12.3 (30ºC days and from 31.5 (20ºC to 12.6 (30ºC days, respectively. The values of longevity and fecundity were inversely proportional with increase of the temperature. The thermal constant (K and theoretical lower threshold temperature of development (Tb were estimated by Reamur law and intercession method of

  18. Efeito do preparo do solo e resíduo da colheita de cana-de-açúcar sobre a emissão de CO2

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Mara Regina Moitinho

    2013-12-01

    Full Text Available O solo é um dos principais compartimentos de carbono no ecossistema terrestre, capaz de armazenar quantidades expressivas desse elemento e, portanto, a compreensão dos fatores que contribuem para as perdas de CO2 em solos agrícolas é fundamental para determinar estratégias de redução das emissões desse gás e ajudar a mitigar o efeito estufa. O objetivo deste estudo foi investigar o efeito do preparo do solo e da deposição de resíduos da cultura da cana-de-açúcar na emissão de CO2, temperatura e umidade do solo, durante a reforma do canavial, ao longo de um período de 15 dias. Os manejos avaliados foram: sem preparo do solo e mantendo os resíduos da colheita sobre a superfície do solo (SPCR; sem preparo do solo e sem resíduo (SPSR e com preparo do solo e sem resíduo (CPSR. A menor média de emissão de CO2 do solo (FCO2 foi observada no manejo SPCR (2,16 µmol m-2 s-1, quando comparado aos manejos SPSR (2,90 µmol m-2 s-1 e CPSR (3,22 µmol m-2 s-1, indicando que as maiores umidades e menores variações da temperatura do solo, observadas em SPCR, foram os fatores responsáveis por tal diminuição. Durante o período de estudo, a menor média diária da FCO2 foi registrada em SPCR (1,28 µmol m-2 s-1 e a maior em CPSR (6,08 µmol m-2 s-1, após a ocorrência de chuvas. A menor perda de C-CO2 do solo foi observada no manejo SPCR (367 kg ha-1 de C-CO2, diferindo significativamente (p<0,05 dos manejos: SPSR (502 kg ha-1 de C-CO2 e CPSR (535 kg ha-1 de C-CO2. A umidade do solo foi a variável que apresentou valores mais diferenciados entre os manejos, sendo positivamente correlacionada (r = 0,55; p<0,05 com as variações temporais da emissão de CO2 nos manejos SPCR e CPSR. Em adição, a temperatura do solo diferiu (p<0,05 somente no manejo SPCR (24 ºC, quando comparada aos manejos SPSR (26 ºC e CPSR (26,5 ºC, sugerindo que, para as condições deste estudo, o resíduo da cana-de-açúcar retido sobre a superfície propiciou

  19. EFECTO DE LA TEMPERATURA SOBRE LA RESISTENCIA A LA TRACCIÓN DE ALGUNOS REFUERZOS DE FIBRAS PARA MATRICES CERÁMICAS O POLIMÉRICAS EFEITO DA TEMPERATURA SOBRE A RESISTÊNCIA À TRAÇÃO DE ALGUNS REFORZOS DE FIBRAS PARA MATRIZES CERÁMICAS OU POLIMÉRICAS EFFECT OF TEMPERATURE ON TH E TENSILE STRENGTH OF SOME FIBER REINFORCEMENTS FOR CERAMIC OR POLYMER MATRICES

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    MARYORY ASTRID GÓMEZ

    2009-07-01

    Full Text Available Este artículo presenta un estudio de las propiedades termomecánicas de fibras de acero de bajo carbono, de acero inoxidable ASI-SAE 304, de aramida y de carbono. Además, se analizó el aspecto superficial de refuerzos de lana mineral de roca y lana de aluminosilicatos antes y después de someterlos a tratamientos térmicos a 1000 ºC. La resistencia a la tracción de las fibras se evaluó antes y después de someterlas a tratamientos térmicos a temperaturas de 400, 600, 800 y 1000 ºC dependiendo de la degradación que mostraran. Además, se efectuó un análisis termogravimétrico a cada tipo de fibra para determinar los cambios de peso a diferentes temperaturas. Las fibras de acero inoxidable mostraron la mayor estabilidad termomecánica, mientras que las fibras de aramida con tratamientos a 400 ºC mostraron propiedades mecánicas prácticamente nulas.Este artigo apresenta um estudo das propriedades termomecánicas de fibras de aço baixo carbono, de aço inoxidável ASI-SAE 304, de aramida e de carbono. Além disso, se analisou o aspecto superficial de reforços de lã mineral de rocha e lã de aluminosilicatos antes e depois que submetê-las a tratamentos térmicos a 1000 ºC. A resistência à tração das fibras se avaliou antes e depois de submetê-las a tratamentos térmicos a temperaturas de 400, 600, 800 e 1000 ºC dependendo da degradação que mostraram. Além disso, se efetuou uma análise termogravim étrica a cada tipo de fibra para determinar as mudanças de peso a diferentes temperaturas. As fibras de aço inoxidável mostraram a maior estabilidade termomecânica, enquanto as fibras de aramida com tratamentos a 400 ºC mostraram propriedades mecânicas praticamente nulas.This paper presents a study of the thermomechanical properties of low carbon steel, AISI-SAE 304 stainless steel, aramid and carbon fibers. Moreover, surface aspect of mineral rock wool of and aluminosilicate wool reinforcements was analyzed prior and after

  20. Estudo de espécie nativa da restinga para plantio em telhados de construção de interesse social.

    OpenAIRE

    Tatiana Pereira Marcolino

    2012-01-01

    O alto crescimento populacional tem desencadeado uma elevada ocupação das áreas urbanas com a expansão de edificações e estradas causando alterações no meio ambiente com a consequente minimização das áreas verdes e da infiltração de água no solo. Estes fenômenos acarretam problemas como enxurradas, inundações, aumento da temperatura local e diminuição da biodiversidade com inúmeros efeitos adversos, tanto econômicos quanto ambientais e sociais. Uma das alternativas para minimizar estes proble...

  1. CARACTERIZAÇÃO ESTATÍSTICA DE TENDÊNCIAS CLIMÁTICAS EM SÉRIES ANUAIS DE TEMPERATURA MÉDIA E PRECIPITAÇÃO PARA AS CAPITAIS ESTADUAIS DO BRASIL

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Júlio César Penereiro

    2013-12-01

    Full Text Available O objetivo desse trabalho foi usar métodos estatísticos para identificar a existência de possíveis tendências climáticas em dados anuais de temperaturas médias e de precipitação pluviométrica nas capitais dos estados do Brasil. Para esse intuito, foram empregados os testes estatísticos de regressão linear e os testes não paramétricos de Mann-Kendall e de Pettitt nos dados que estão disponíveis no Instituto Nacional de Meteorologia. As informações analisadas abrangem intervalos de tempo com períodos variáveis que depende da localidade estudada, porém, os registros dos dados encontram-se na sua maior parte distribuídos no período entre 1961 e 2011. Os resultados indicam que das 25 capitais tratadas, houve 40% de tendência positiva na temperatura média, e 88% do índice de precipitação pluviométrica não acusaram tendência.

  2. Efecto de la temperatura en la sobrevivencia embrionaria del puye Galaxias maculatus (Jenyns, 1842

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Juan Bariles

    2013-11-01

    Full Text Available Se evaluó el efecto de seis temperaturas constantes en la sobrevivencia embrionaria, periodo embrionario y periodo de eclosión de Galaxias maculatus de 7 a 22°C, en condiciones de laboratorio. Los resultados de la sobrevivencia embrionaria fueron: 90,6 ± 2,0; 88,7 ± 8,6; 87,7 ± 0,7; 89,7 ± 4,2; 70,0 ± 5,6 y 49,5 ± 7,4% a temperaturas de 7, 10, 13, 16, 19 y 22°C. Exceptuando la temperatura de 22°C, no hay diferencias significativas entre ellas (P > 0,05. Estos resultados caracterizan al embrión como euritérmico independientemente de ser una especie de aguas subantárticas. En relación al periodo embrionario (tH50%, los resultados fueron de 40,8 ± 0,6; 27,0 ± 0,0; 17,3 ± 0,6; 16,3 ± 0,6 y 13,3 ± 0,6 días a temperaturas de 7, 10, 13, 16 y 19°C respectivamente, con diferencias significativas entre ellas (P 87,7%, periodos embrionarios <27 días y periodos de eclosión <6,3 días. Estos resultados permitirán optimizar la sobrevivencia embrionaria y el eventual cultivo de la especie para fines comerciales o de repoblamiento.

  3. Influencia de la temperatura sobre el crecimiento muscular de la lubina, Dicentrarchus labrax L., durante el desarrollo larvario

    OpenAIRE

    Ayala Florenciano, Mª Dolores

    1999-01-01

    En este trabajo se ha estudiado el efecto de la temperatura de incubación y cultivo sobre el desarrollo y el crecimiento muscular de lubina, Dicentrarchus labrax, Atlántica y Mediterránea. Durante la fase de alimentación endógena el empleo de alta temperatura incrementa preferiblemente la hipertrofia, observándose una fuerte disminución de la tasa hiperplásica en la fase prelarvaria, con independencia de la temperatura. Con el inicio de la alimentación viva comienza una etapa de rápido c...

  4. Influencia da largura do corpo-de-prova na medida da tenacidade do concreto reforçado com fibras de aço

    OpenAIRE

    Ana Maria Oliveira Villares

    2001-01-01

    Resumo: A quantificação da tenacidade dos concretos reforçados com fibras de aço (CRFA) pode ser afetada por diversos fatores, dependendo do método adotado e do procedimento para realizar o ensaio de flexão sob deformação controlada. Esses fatores incluem entre outros: configuração do ensaio, configuração do carregamento, taxa e controle do carregamento, tipo de equipamento para medida do deslocamento vertical, tipo de máquina; temperatura ambiente, tamanho e geometria do corpo-de-prova. A an...

  5. Mortalidad diaria en la comunidad de Madrid (1986-1991 para el grupo de 45 a 64 años: su relación con la temperatura del aire

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Pajares Ortíz Mª Sierra

    1997-01-01

    Full Text Available FUNDAMENTOS: Existen numerosos trabajos que relacionan la mortalidad con diferentes factores ambientales. Éstos se centran en la población general o en el grupo de personas mayores de 65 años, pero son escasos los que se refieren al grupo de 45 a 64 años, en el que la mortalidad tiene gran repercusión económica y social. El objeto del presente artículo es analizar la asociación existente entre la mortalidad diaria, tanto total como por diversas causas específicas, con la temperatura del aire en este grupo etario en la Comunidad de Madrid, de la cual las características climáticas extremas hacen especialmente interesante el trabajo. MÉTODOS: Se utiliza la modelización ARIMA según la metodología Box-Jenkins para el filtrado de las series de mortalidad diaria y de temperaturas. Entre los residuales se establecen funciones de correlación cruzada que permiten establecer una asociación entre las series eliminando los factores estacionales comunes, así como determinar el tiempo de desfase entre los extremos térmicos y los excesos de mortalidad. RESULTADOS: Existe una relación en forma de "V" entre la mortalidad diaria total y la temperatura. La mínima mortalidad se establece en una temperatura máxima diaria de 33ºC. La sobremortalidad por cada grado por debajo de 33ºC es del 0,8 %, mientras que por encima es del 3,0 %. Las funciones de correlación cruzada indican que esta asociación se da en los varones tanto por mortalidad total como por enfermedades circulatorias. En el caso de los altas temperaturas el efecto es inmediato, mientras que para las bajas hay que añadir otro efecto a los 10-13 días. CONCLUSIÓN: Existe una asociación estadísticamente significativa entre la mortalidad y los extremos térmicos en los varones de este grupo de edad. Los años potenciales de vida perdidos indican la magnitud del problema y la necesidad de articular medidas de prevención.

  6. Extreme temperature trends in the equatorial region of Brazil: Case study of the state of Ceará Tendência das temperaturas extremas em região equatorial brasileira: estudo de caso do estado do Ceará

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Eunice Maia de Andrade

    2012-06-01

    Full Text Available Despite uncertainties as to the real causes, there is a large amount of evidence of climatic change on Earth. With the objective of investigating changes in extreme air temperatures, as well as the local effects of these changes, eight data sets, collected throughout the State of Ceará in Brazil, were analyzed. Four series of data were obtained from the semi-arid region, three from the coastal zone, and one from a mountainous region. To quantify the changes that occurred during the study period, variations in maximum and minimum temperatures were calculated in relation to the mean of each data series. The annual rates of temperature increase were estimated from the angular coefficients of the best-fit lines. The results showed that although there are differences in trends between stations, there was a systematic increase in the maximum and minimum temperature in the nineties, which was especially evident in the following decade. The highest rates of increase were recorded for the minimum temperatures (from 9.0 to 8.3 °C per century for the stations at Guaramiranga and Crateús respectively. These data provide evidence for a greater retention of energy in the form of sensible heat during the night, possibly due to a more difficult energy exchange between the surface and the atmosphere.Apesar das incertezas sobre as verdadeiras causas, há uma grande quantidade de evidências de mudanças climáticas na Terra. Com o objetivo de investigar as mudanças em temperaturas extremas do ar, bem como os efeitos locais das mudanças, oito conjuntos de dados coletados ao longo do Estado do Ceará, Brasil, foram analisados. Quatro série de dados foram obtidas a partir da região semi-árida, três da zona costeira e uma de uma região montanhosa. Para quantificar as mudanças que ocorreram durante o período do estudo, as variações nas temperaturas máximas e mínimas foram calculadas em relação à média de cada série. As taxas anuais de aumento de

  7. Análise da evapotranspiração por wavelet de Morlet em área de Vochysia divergens Pohl no Pantanal

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Milena A. Goulart

    2015-02-01

    Full Text Available A variação tempo-espacial da evapotranspiração foi analisada por meio de wavelet de Morlet em uma floresta de Vochysia divergens Pohl (Vochysiaceae localmente conhecida como Cambarazal no Pantantal, no estado do Mato Grosso, Brasil Esta área está inserida na planície fisiografia do Pantanal e é sazonalmente inundada. Foram coletadas variáveis micrometeológicas, como: saldo de radiação, radiação solar incidente, temperatura do ar e umidade relativa do ar. Com referencia à evapotranspiração a análise diária da série temporal por wavelet de Morlet foi satisfatória, possibilitando melhor compreensão na dinâmica da evapotranspiração em área alagável e sua relação com a temperatura do ar, umidade relativa do ar e radiação solar global. Conclui-se que ocorreram, durante a estação úmida, os maiores valores de evapotranspiração e maior intensidade de energia na alta escala de frequência devido provavelmente à maior disponibilidade de água em função da precipitação e inundação, e à radiação global.

  8. Utilização de sensoriamento remoto em análises de albedo e temperatura de superfície em Londrina - PR: contribuições para estudos de ilha de calor urbana

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Nancy Laura Rios Gamarra

    2014-12-01

    Full Text Available Este trabalho avaliou o albedo (αs e a temperatura de superfície continental (Tsup provenientes de sensoriamento remoto, e a temperatura do ar (Tar medida in situ no intuito de caracterizar a Ilha de Calor Urbana (ICU na cidade de Londrina (Paraná. Foram utilizados dados de αs e Tsup obtidos do sensor MODIS, e medições in situ de Tar realizadas entre junho e agosto de 2011 por sensores meteorológicos instalados em 13 locais na cidade. Os dados de αs e Tsup foram utilizados para calcular um índice de urbanização (IU na região e posteriormente comparado com Tar. A análise dos dados de αs e Tsup foi consistente com as medições in situ, evidenciando sua aplicabilidade na avaliação espaço-temporal de fenômenos acoplados continente-atmosfera, tais como a ICU. A mancha urbana da cidade de Londrina apresentou valores de IU compreendido entre 18 e 20, bem maiores que as áreas mais vegetadas (14 - 16. Nesse sentido, o IU demonstrou-se ser uma metodologia útil para representar a evolução espaço-temporal de áreas urbanas, o que pode propiciar uma avaliação detalhada do impacto da mudança de cobertura de solo no clima local e regional. Além disso, os resultados indicam que dados obtidos via satélite podem auxiliar grandemente na quantificação da ICU, quando dados in situ estiverem indisponíveis.

  9. Tema 4. Calor y temperatura (Guía del tema)

    OpenAIRE

    Beléndez Vázquez, Augusto

    2010-01-01

    Guía del "Tema 4. Calor y temperatura" de la asignatura "Fundamentos Físicos de la Ingeniería I" del "Grado en Ingeniería en Sonido e Imagen" impartido en la Escuela Politécnica Superior de la Universidad de Alicante.

  10. Tolerância de sementes de linhagens de milho à alta temperatura de secagem Tolerance of corn lines seeds to high drying temperature

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Solange Carvalho Barrios Roveri José

    2004-10-01

    Full Text Available Cultivares tolerantes a altas temperaturas de secagem proporcionam redução no tempo de secagem, uma etapa crítica no sistema de produção de sementes de milho (Zea mays L.. Nesta pesquisa, foi avaliada a tolerância à alta temperatura de secagem de sementes de linhagens de milho, por meio de testes de germinação e vigor. As sementes foram colhidas manualmente em espigas com teor de água em torno de 35% e secas artificialmente à 45 C até atingirem 11% de teor de água. Em seguida, foram submetidas aos testes de primeira contagem e contagem final de germinação, envelhecimento acelerado, teste de frio sem solo e de condutividade elétrica. Houve diferenças significativas nos valores de germinação e vigor de sementes das diferentes linhagens, sendo então classificadas em tolerantes e intolerantes. Pelos resultados, conclui-se que a sensibilidade das sementes à injúria por secagem à alta temperatura é dependente da linhagem.High drying temperature tolerant cultivars provide a reduction in the drying period, a critical phase of the corn seeds (Zea mays L. production system. In this research the tolerance of corn lines seeds to high drying temperature was evaluated by the germination and vigor tests. Seeds were handpicked in ears with water content around 35% and dried artificially at 45ºC up to 11% water content. Then, the seeds were submitted to the first and final germination counting tests, accelerated aging, cold test without soil and electrical conductivity. There were significant differences in the germination and vigor values of seeds from different lines, being classified into tolerant and intolerant. The results permitted to conclude that sensitivity of seeds to high drying temperature injury depends on the lines.

  11. Diseño, Implementación y Verificación de un Sensor de Temperatura CMOS de Bajo Coste y Alta Funcionalidad

    OpenAIRE

    Artés García, Antonio

    2007-01-01

    En este proyecto, se presenta un sensor de temperatura integrado CMOS basado en la medida de una variable secundaria, cuyo valor es dependiente de la temperatura, como es el tiempo de subida que presenta una señal eléctrica en sus flancos de subida. Con el objetivo de reducir coste y potencia consumida, el sensor integrado de temperatura propuesto genera un pulso con un ancho proporcional a la temperatura medida. Este sensor para realizar la medida elimina la necesidad de tener una señal que ...

  12. VARIABILIDAD DE LA TEMPERATURA DE SUPERFICIES EN EL NW DE LA PROVINCIA DE NEUQUÉN A PARTIR DE INFORMCIÓN SATELITAL.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marisa G. Cogliati

    2008-12-01

    Full Text Available La complejidad del terreno y la falta de datos meteorológicos siguiendo el gradiente altitudinal obliga a la exploración de nuevos métodos o esquemas entre los que se encuentra el análisis por medio de modelos o imágenes satelitales. El presente trabajo pretende describir el marco de información con el que se cuenta en el NW neuquino y la introducción de análisis espacial de distribución de la temperatura de superficie a partir de imágenes NOAA- AVHRR con miras a la inclusión futura de nuevos esquemas de estudio. La temperatura del aire presenta gran variabilidad espacial, principalmente en los valores mínimos, una idea de esta distribución puede asociarse a la temperatura de superficie que es obtenida a partir del análisis de imágenes NOAA-AVHRR. Este trabajo presenta el análisis de situaciones particulares de la temperatura de superficie de la zona NW de la Provincia de Neuquén utilizando imágenes de satélites NOAA en alta resolución (AVHRR e imágenes LANDSAT de la región. La temperatura de superficie obtenida utilizando la información de los canales 4 y 5 del sensor AVHRR presenta la distribución espacial de la temperatura del suelo que pone en evidencia la complejidad del comportamiento, asociado al relieve. Se observa la dependencia de las isotermas con la altura, alcanzando los menores valores de temperatura de superficie en los picos. Esta metodología permitiría incorporar información cuya escala consideraría con mayor detalle que en escala sinóptica de la temperatura de superficie de píxeles de aproximadamente 1 km2. El análisis posterior de una mayor cantidad de situaciones, permitiría realizar mapas estacionales de temperatura de superficie en una escala que no es posible obtener con el instrumental que se encuentra instalado en este momento, pudiendo asociarse posteriormente al comportamiento de la temperatura del aire.

  13. Otimização da prensagem a frio de grãos de amendoim em prensa contínua tipo expeller Optimization peanut grain expelling

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Anna Leticia Montenegro Turtelli Pighinelli

    2008-12-01

    Full Text Available A prensagem contínua de grãos oleaginosos é um método rápido, fácil e de baixo custo para a obtenção de óleos, sendo uma alternativa viável para pequenas comunidades de agricultores. A eficiência deste método é bem inferior àquela conseguida pelo tradicional método de extração por solvente, sendo afetada diretamente pelas condições iniciais dos grãos, como o teor de umidade e temperatura, e por aspectos construtivos da prensa, como dimensionamento do seu eixo e da gaiola. No presente trabalho, avaliou-se por meio de um planejamento experimental, aliado à metodologia de superfície de resposta, a influência da temperatura e do teor de umidade dos grãos de amendoim no rendimento em óleo bruto. As faixas avaliadas foram entre 8 e 10% para o teor de umidade e entre 25 e 60 °C para a temperatura. Os óleos brutos obtidos foram caracterizados conforme metodologia oficial da AOCS. As duas variáveis estudadas foram significativas para o nível de confiança adotado (95%, sendo as condições ótimas localizadas próximas aos maiores valores de temperatura e teor de umidade dos grãos. A faixa de temperatura de 50 a 65 °C e o teor de umidade de 10 a 10,8% correspondem a rendimentos máximos.The continuous oilseed expeller is a quick, easy, and low cost method to obtain oils, so it is used in small agriculture communities. This method is less efficient than the traditional solvent extraction, since it is affected directly by the initial conditions of the raw material, such as grain moisture temperature, and also by some machine features, such as the shaft and barrel design. In this work, the influence of the temperature and moisture content of peanut grains on the yield of gross oil was evaluated by experimental design and response surface methodology. The studied temperature range was between 8 and 10%, and the moisture content range was between 25 and 60 °C. The unrefined oil obtained was analyzed by the AOCS official method

  14. Efeito da época sobre a emergência de Sida rhombifolia e Solanum viarum em diferentes profundidades de semeadura

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marcelo Claro Souza

    2011-12-01

    Full Text Available O conhecimento da profundidade ideal de germinação de sementes de plantas daninhas é importante para o desenvolvimento de estratégias de manejo eficientes, seguras e econômicas. Com o objetivo de estudar a emergência de plântulas de Sida rhombifolia L. e Solanum viarum Dunal, em resposta à época (setembro de 2008 e janeiro de 2009 e às profundidades de semeadura (0, 1, 2, 3, 4 e 5 cm, foram realizados dois experimentos em casa de vegetação. Sida rhombifolia mostrou-se sensível às variações de temperatura, em decorrência das épocas de semeadura, e os maiores percentuais de emergência ocorreram nas profundidades entre 1 e 4 cm. Para S. viarum, observou-se forte influência da temperatura sobre a sua emergência, sendo, observado o máximo de emergência, nas profundidades de 1 a 5 cm e sua redução para as sementes locadas na superfície do solo.

  15. Diferencias de personalidad entre matutinos y vespertinos

    OpenAIRE

    Virginia Dresch; María del Pilar Sánchez López; Marta Evelia Aparicio García

    2005-01-01

    El objetivo de este estudio era determinar si los sujetos con distinta tipología circadiana (matutinidad-vespertinidad) tenían un perfil de personalidad diferencial, trascendiendo el intento de relacionar la tipología circadiana con variables de personalidad aisladas y más generales, como Extraversión-Introversión. La investigación se llevó a cabo con 804 participantes, universitarios de una universidad del sur de Brasil (Novo Hamburgo-RS/BR) de 33 carreras distintas, utilizándose el MIPS Inv...

  16. Incubabilidade e Qualidade de Pintos de Ovos Matrizes de Frangos de Corte Submetidos a Estresse de Temperatura Hatchability and Chick Quality of Broiler Breeder Eggs Submitted to Stress Due to Temeperature

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    NSM Leandro

    2000-04-01

    Full Text Available O experimento foi conduzido para avaliar o efeito do estresse de temperatura sobre as características de incubabilidade e qualidade dos pintos nascidos. Trezentos ovos, obtidos de um lote de matrizes de frangos de corte com 42 semanas, foram distribuídos em três incubadoras, reguladas para manter uma temperatura de 37,8ºC, umidade relativa de 60% e viragem mecânica a cada duas horas. Aos 16 dias de incubação (D16, aplicou-se uma variação de temperatura de calor (40ºC ou frio (32ºC durante cinco horas em duas máquinas. Os embriões da terceira máquina foram usados como controle. Os dados obtidos foram analisados estatisticamente, obedecendo-se a um delineamento inteiramente casualizado, com 3 tratamentos. A eclodibilidade e a qualidade dos pintainhos, avaliados pelo peso ao nascer e qualidade de pernas e umbigo não foram significativamente diferentes entre o grupo controle e os grupos estressados. Os resultados revelaram que os ovos exposto ao estresse pelo frio ou calor tiveram um período de incubação maiores - 506,5h e 504,2h, respectivamente - do que aqueles expostos a temperatura normal - 496,3h - como conseqüência no atraso de bicagem interna (7 e 6 h e externa (13 e 14 h. Concluiu-se que a alteração da temperatura normal de incubação, com resfriamento ou aquecimento por 5 h no D16, não foi suficiente para prejudicar a eclodibilidade e a qualidade dos pintainhos, mas causou uma dilatação do período total de incubação, indicando que mesmo um breve período de variação da temperatura normal de incubação em um período crítico de desenvolvimento é suficiente para determinar estresse nos embriões de frangos de corte.This trial was carried out in order to evaluate the effect in broiler embryos of cold or heat stress on the hatching characteristics, and on the quality of the newborn chicks. Three hundred eggs obtained from 42-week-old broiler breeders were distributed in three incubators maintained at a

  17. Effects of packaging and temperature on postharvest of atemoya Efeito do tipo de embalagem e da temperatura na conservação de atemóias

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fabio Yamashita

    2002-12-01

    Full Text Available Effects of refrigerated storage and different packages on postharvest behaviour of fruits of atemoya (Annona cherimola x A. squamosa cv. PR3 were investigated. Fruits were individually sealed in copolymer (PD-955 and low-density polyethylene (LDPE bags and stored for 21 days at 15°C or 25°C. Then they were unwrapped and maintained at 25°C, for ripening. Weight loss and firmness of fruits were both affected by storage time, temperature and packaging. Weight loss in packaged atemoyas was lower than in the control, non-wrapped fruits. A non-trained panel scored the atemoyas for overall eating quality and appearance. Fruits sealed in LDPE did not ripen, probably due to an injurious atmosphere developed inside the package. Atemoyas packaged in PD-955 film had a shelf-life of 17 days against 13 days of the control ones, both stored at 15°C, an increase of 30% on shelf-life.Testou-se o comportamento da atemóia (Annona cherimola x A. squamosa cv. PR3 frente a armazenagem refrigerada e a utilização de diferentes embalagens. Os frutos foram embalados individualmente em sacos de polietileno de baixa densidade (PEBD ou em sacos feitos de um copolímero (PD-955, e armazenados por 21 dias, a 15ºC ou 25ºC, quando foram então desembalados e mantidos a 25ºC para amadurecerem. Tanto a perda de massa como a firmeza dos frutos foram afetadas pela embalagem, tempo e temperatura de armazenagem. A perda de massa pelas atemóias embaladas foi significativamente menor do que naquelas sem embalagem, que serviram de controle. Provadores não treinados ordenaram as atemóias em função do sabor e aparência. Frutos embalados com PEBD não amadureceram, provavelmente devido ao desenvolvimento de uma atmosfera tóxica ao fruto no interior da embalagem. As atemóias embaladas com PD-955 apresentaram vida de prateleira de 17 dias contra 13 dias dos frutos-controle, ambos a 15ºC, que representam um aumento de 30% na vida de prateleira.

  18. Preparação e estabilidade do extrato antociânico das folhas da Acalipha hispida

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    BAILONI Marcio A.

    1998-01-01

    Full Text Available Folhas da Acalipha hispida, foram extraídas com MeOH/ácido cítrico a baixa temperatura e ao abrigo da luz. Os extratos livres de clorofila e outros produtos solúveis em éter etílico foram concentrados por osmose reversa (30°C e finalmente sob vácuo a 35-37°C. Soluções do produto concentrado em tampão citrato/fosfato foram mantidas sob N2 ao abrigo da luz e sob efeito de luz de 2.500 lumens por tempos variáveis acima de 600 h. Pela medida da variação da absorbância dos sistemas a 530 nm foi possível calcular os valores de K e t½ de cada sistema. A principal antocianina foi tentativamente identificada como cianidina-3-arabinosil-glucosídeo.

  19. DETERMINAÇÃO DE SUBSTITUTOS DA MANTEIGA DE CACAU EM OVOS DE PÁSCOA ATRAVÉS DA ANÁLISE DE TRIACILGLICERÓIS

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Valéria Paula Rodrigues MINIM

    2009-07-01

    Full Text Available

    RESUMO: A legislação brasileira proíbe a adição de substitutos de manteiga de cacau ao chocolate, mas mesmo com essa proibição algumas indústrias vêm substituindo parcial ou totalmente a manteiga de cacau por estas gorduras. O presente trabalho teve como objetivo verificar o padrão de qualidade de ovos de páscoa comercializados na região de Campinas. Para isso, foram analisadas onze marcas de ovos de páscoa nacionais vendidos durante o período da páscoa de 1994. Para verificar a possível adição de substitutos determinou-se, por cromatografia gasosa e alta temperatura (CGAT, a composição em triacilgliceróis da gordura extraída e os resultados foram analisados pelo método matemático de Padley & Timms. Foi detectada a presença de substitutos da manteiga de cacau em duas das onze marcas analisadas. PALAVRAS-CHAVE: Ovos de Páscoa; substitutos de manteiga de cacau; cromatografia gasosa; triacilgliceróis.

  20. Aumento de la temperatura en la superficie dental durante la foto-polimerización

    OpenAIRE

    Hernández, Douglas Jarquín; Bonilla, Silvia

    2016-01-01

    ResumenSe sabe que durante el fotocurado de los materiales dentales se libera calor, ya sea por parte de la fuente emisora de luz o por la reacción de polimerización del compuesto utilizado. Este aumento de temperatura se transmite a los tejidos, el cual puede repercutir en ellos. Debido a esto, se realiza un estudio comparativo de la temperatura alcanzada durante la obturación y reconstrucción de piezas dentales in vitro, utilizando lámparas de fotocurado de tipo cuarzo-tungsteno-halógeno (Q...

  1. Desarrollo de un sensor de temperatura remoto basado en la radiación infrarroja

    OpenAIRE

    Díaz García, Abraham de los Ángeles

    2012-01-01

    Este proyecto fin de carrera se centra en el estudio y diseño de un sensor de temperatura remoto. El objetivo principal del proyecto es desarrollar un dispositivo capaz de obtener la temperatura de un objeto situado a una cierta distancia, conocida su emisividad y la radiación infrarroja emitida por éste. Además, se plantea dentro de este proyecto el estudio de los principios básicos de termometría infrarroja y la clasificación de los distintos tipos de termopilas en el mercado atendiendo a s...

  2. Efeito da concentração e temperatura de adição de trealose em diluentes para a congelação de sêmen ovino em palhetas Effect of the concentration and addition temperature of trehalose in extenders on freezing ram semen in straws

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Adilson Moura

    1995-01-01

    Full Text Available A trealose é um dissacarídio com potencial emprego como crioprotetor quando adicionada aos meios para congelamento de sêmen ovino. Este experimento foi realizado para verificar os efeitos da temperatura de adição (30°C e 4°C e da concentração de trealose (2%, 4% e 6% sobre o sêmen ovino congelado em palhetas, utilizando como base as formulações INRA e TRIS/FRUTOSE. Os efeitos estudados em ambos experimentos foram medidos através da avaliação da motilidade espermática (MOT e da integridade de acrossomas (INTA em diferentes momentos após o descongelamento (0h, 2h e 5h. Os presentes resultados não recomendam a inclusão da trealose visando incrementar a qualidade in vitro do sêmen ovino congelado em palhetas nas concentrações e diluentes testados, porém, sugerem maiores estudos quanto a sua toxidade e possíveis interações com outros constituintes dos diluentes já formulados para o congelamento de sêmen ovino.This study was aimed to evaluate the possible effects of the addition of trehalose to extenders developed for freezing ram semen in straws. The effects of addition temperature (30°C and 4°C and concentration of trehalose (2, 4 and 6% on INRA and TRIS/FRUTOSE diluents was evaluated. Their effects were studied through motility rate and by acrosome integrity at different incubation times after thawing (0, 2 and 5h. The results do not recommend the inclusion of trehalose in these diluents. However, it would be interesting to learn more about toxicity and interactions between the components of the extenders and trehalose in ram sperm frozen in straws.

  3. Efeito da baixa temperatura noturna e do porta-enxerto na variação diurna das trocas gasosas e na atividade fotoquímica de laranjeira 'Val��ncia' Effects of low night temperature and rootstocks on diurnal variation of leaf gas exchange rates and photochemical activity of 'Valência' sweet orange plants

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Daniela Favero São Pedro Machado

    2010-06-01

    Full Text Available A redução da fotossíntese durante o inverno pode ser induzida por noites frias, mesmo quando as condições durante o dia não são limitantes. Laranjais são formados com plantas enxertadas, sendo o porta-enxerto citrumeleiro 'Swingle' recomendado em áreas onde há ocorrência de baixas temperaturas. Todavia, os mecanismos fisiológicos pelos quais as plantas apresentam melhor crescimento e produção são pouco conhecidos. O objetivo deste estudo foi testar a hipótese de que o efeito da baixa temperatura noturna na fotossíntese de laranjeiras é dependente do porta-enxerto utilizado, com o citrumeleiro 'Swingle' (Citrus paradisi x Poncirus trifoliata induzindo maior tolerância ao frio noturno se comparado ao limoeiro 'Cravo' (Citrus limonia. Laranjeiras 'Valência' (Citrus sinensis com seis meses, cultivadas em sacolas plásticas (5 L, foram expostas por 12 h à temperatura noturna de 20 e 8 ºC. O tratamento térmico foi realizado em câmara de crescimento, sendo apenas a parte aérea das plantas expostas às distintas temperaturas. Medidas do curso diurno das trocas gasosas e da atividade fotoquímica foram realizadas em condições ambientais naturais. O resfriamento noturno causou maior redução da assimilação de CO², da condutância estomática e da transpiração em laranjeira 'Valência' sobre limoeiro 'Cravo' quando comparado às plantas sobre 'Swingle'. Após o tratamento de frio, as eficiências máxima (Fv/Fm e operacional (Fq'/Fm' do fotossistema II diminuíram nas plantas sobre 'Cravo' e mantiveram-se praticamente inalteradas nas plantas enxertadas em 'Swingle'. Portanto, o porta-enxerto 'Swingle' induziu maior eficiência fotossintética em condições de frio noturno às plantas de laranjeira 'Valência' quando comparado ao porta-enxerto 'Cravo'. A queda da assimilação de CO² em plantas resfriadas foi devida à menor condutância estomática e menor eficiência aparente de carboxilação, ou seja, resultante de

  4. Germination of seeds of the invasive plant Sesbania virgata (cav. pers. under effects of light, temperature, and dormancy overcoming Germinação de sementes da invasora Sesbania virgata (cav. pers. sob efeito de luz, temperatura e superação de dormência

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Irenice Gomes de Oliveira

    2010-12-01

    Full Text Available The work had as objectives to evaluate the influence of the light, temperature, and chemical scarification on the germination of seeds of S. virgata, species still little studied and that is invasive in several niches of the caatinga ecosystem. The seeds of S. virgata were collected in the municipal district of Natuba-PB in March/2008. Eight treatments were used as follows: intact seeds in the presence and absence of light, at 25ºC; intact seeds in the presence and absence of light, at 30ºC; submerged seeds in sulfuric acid for five minutes in the presence and absence of light, at 25ºC; submerged seeds in sulfuric acid for five minutes in the presence and absence of light, at 30ºC. The germination tests were accomplished in germination cameras under light and continuous darkness at constant temperatures of 25ºC and 30ºC, in a 12 hours photoperiod. The seeds were put to germinate in plastic boxes (gerbox with filter paper. The seeds of S. virgata have tegument dormancy and show low germination tax when intact, which is a strategy for seed banks formation. The acid scarification increased germination percentage and speed germination index. Este trabalho teve como objetivos avaliar a influência da luz, da temperatura e da escarificação química sobre a germinação de sementes de S. virgata, espécie ainda pouco estudada e que se constata invasora em diversos nichos do bioma Caatinga. Sementes de S. virgata foram coletadas no município de Natuba-PB em março de 2008 e submetidas a oito tratamentos, descritos a seguir: sementes intactas, na presença e ausência de luz, a 25ºC; sementes intactas na presença e ausência de luz, a 30ºC; sementes imersas em ácido sulfúrico por cinco minutos na presença e ausência de luz, a 25ºC; sementes imersas em ácido sulfúrico por cinco minutos na presença e ausência de luz, a 30ºC. Para estimar os efeitos dos tratamentos foram realizados testes de germinação em câmaras de germinação sob

  5. Processo de Calcinação da Gipsita/resíduo Em Um Forno Rotativo Contínuo Para a Produção de Gesso Beta Reciclável

    OpenAIRE

    MELO, Daniele de Castro Pessoa de

    2012-01-01

    Foram realizados estudos em condições operacionais otimizadas da desidratação térmica do minério da gipsita e de resíduos de gesso oriundos da construção civil, em condições controladas de temperatura e pressão. O gesso beta foi produzido com auxilio de um forno piloto rotativo contínuo, instalado no Departamento de Engenharia Química da Universidade Federal de Pernambuco (DEQ/UFPE). Os experimentos foram planejados e analisados dentro de uma metodologia estatística de tratamento para u...

  6. Efficiency of oxygen: absorbing sachets in different relative humidities and temperatures Eficiência de absorvedores de oxigênio sob diferentes umidades relativas e temperaturas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Renato Souza Cruz

    2007-12-01

    Full Text Available The main objective of this work was to evaluate the efficiency of oxygen - absorbing sachets at relative humidity of 75%, 80% and 85% and different temperatures, 10±2 ºC and 25±2 ºC. The experiment consisted in determining the O2 absorption under these conditions. A sachet was placed in desiccators with an internal air homogenization system. Aliquots of air were removed at pre-established time intervals and analyzed for oxygen content. The results showed that oxygen absorption by the sachet increased as the relative humidity increased for both temperature. Therefore the oxygen - absorbing sachets were most active under 25±2ºC and 85% relative humidity. At ambient condition (25±2ºC/75%RH the rate of oxygen absorbed was 50 mL/day and 18,5 mL/day for 10±2ºC. It was used a totally casualized design with three replicates.O objetivo principal deste trabalho foi avaliar a eficiência de sachês absorvedores de oxigênio a 75%, 80% e 85% de umidade relativa e diferentes temperaturas, 10±2 ºC e 25±2 ºC. O experimento consiste em determinar a absorção de O2 sob essas condições. Um sachê foi colocado dentro de um dessecador contendo um sistema de homogeneização do ar interno. Alíquotas de ar são retiradas dos dessecadores em intervalos de tempos pré-estabelecido e seu conteúdo de oxigênio analisado. Os resultados mostraram que a absorção de oxigênio pelos saches aumentaram com o aumento da temperatura para ambas as temperaturas. No entanto, os sachês mostraram uma maior eficiência para 85% de umidade relativa e 25±2ºC de temperatura. Na condição ambiente (25±2ºC/75%RH, a taxa de absorção dos sachês foi de 50 mL/dia e 18,5 mL/dia para 10±2ºC. O experimento foi conduzido com delineamento experimental inteiramente casualizado, com três repetições.

  7. A Influência da Prensagem a Quente nas Propriedades dos Painéis de Fibras de Alta Densidade, Aquando do seu Revestimento por Películas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Idalina Domingos

    2016-07-01

    Full Text Available Um conjunto de painéis de fibras de alta densidade, colados com uma resina de melamina/ureia-formaldeído, foi submetido a operações de prensagem a quente, de modo a estudar a influência desta operação nas propriedades do substrato. Usou-se uma prensa de pratos, a uma pressão que permitisse um contacto firme entre os painéis e os pratos da prensa. Foi desenvolvido um plano experimental para três temperaturas diferentes de 95, 180 e 210 º C e dois tempos de prensagem, de 22 e 35 segundos, para cada uma delas. Os painéis foram fabricados com fibras de pinho (Pinus pinaster a uma densidade média de 930 kg/m3 e espessura média de 6,7 mm. De acordo com os resultados obtidos, as operações de pós-fabrico dos painéis de alta densidade resultaram numa ligeira melhoria do módulo de elasticidade, da tensão de rotura à flexão estática e da resistência interna dos painéis usados como substrato. Observou-se também uma ligeira diminuição da humidade de equilíbrio e espessura dos painéis, bem como um aumento da densidade e do inchamento, com o aumento da temperatura e tempo de prensagem.

  8. Conservação de sementes de maracujá-amarelo: interferências do teor de água das sementes e da temperatura de armazenamento Conservation of yellow passion fruit (Passiflora edults Sims f. flavicarpa Deg. seeds: interference of water content and storage temperature

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Samara Camargo Lopes Fonseca

    2005-01-01

    Full Text Available Buscando embasamento para a definição de alternativas tecnológicas voltadas a desacelerar a deterioração durante o armazenamento, a pesquisa objetivou estudar, através de variações no teor de água das sementes e na temperatura do ambiente de armazenamento, o comportamento fisiológico de sementes de maracujazeiro. O experimento, realizado entre julho de 2002 e agosto de 2003 no Laboratório de Análise de Sementes localizado na Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz (USP, foi realizado com sementes de maracujá-amarelo (Passiflora edulis Sims f. flavicarpa Deg. produzidas em Mogi Mirim/ SP a partir de polinização aberta entre híbridos da Série IAC 270. Após a retirada da mucilagem das sementes, foi determinado o grau de umidade inicial do lote e, paralelamente, obtida a amostra representante do tratamento com o maior teor de água estudado (31%. As sementes remanescentes foram submetidas à secagem, em estufa com circulação de ar a 30ºC ± 3ºC, para a obtenção dos demais tratamentos referentes aos teores de água desejados (27%, 21%, 17%, 11% e 7%. Posteriormente, os tratamentos, correspondentes aos diferentes graus de umidade, foram armazenados em câmaras com temperaturas controladas de 10ºC, 15ºC e 20ºC. Antes do armazenamento, e após 35, 70, 105, 140, 175, 210, 245, 280, 315 e 350 dias, as sementes foram submetidas às avaliações da qualidade. De acordo com os resultados, a combinação do grau de umidade de 7% com a temperatura de 10ºC supera as demais no favorecimento à manutenção do potencial fisiológico das sementes de Passiflora edulis Sims f. flavicarpa Deg.In order to define technological alternatives foward delaying deterioration of passion fruit (Passiflora edulis Sims f. flavicarpa Deg. seeds during storage, physiological studies were performed through varied seed water content and environmental temperature. The experiments were conducted at the Seed Analysis Laboratory of the Escola Superior

  9. ESTUDO DO COMPORTAMENTO DE BLENDAS DE POLIAMIDA 6/RESÍDUO DE BORRACHA DA INDÚSTRIA DE CALÇADOS

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Carlos Bruno Barreto Luna

    2015-01-01

    Full Text Available O reaproveitamento de borrachas tem sido bastante explorado, por meio de misturas com polímeros virgens, para gerar compostos utilizados em diversas aplicações. O objetivo deste trabalho foi produzir blendas poliméricas a partir de uma matriz de poliamida 6 com resíduos de borracha reciclada (SBR-R. Foram realizados estudos sobre reologia, temperatura de deflexão térmica (HDT, análise térmica dinâmico-mecânica (DMTA e espectroscopia na região do infravermelho com transformada de Fourier (FTIR. As blendas de poliamida 6/resíduo de borracha reciclada foram preparadas em uma extrusora de rosca dupla corrotacional e os grânulos extrusados foram moldados por injeção. Os resultados obtidos com o estudo reológico mostraram que quanto maior a percentagem de SBR-R adicionado, maiores os valores de torque. As temperaturas de deflexão térmica das blendas reduziram pouco, quando comparadas à da poliamida 6. No ensaio de DMTA, as blendas binárias e ternárias tiveram deslocamento dos picos para, aproximadamente, -10°C e o deslocamento da relaxação α da PA6, para valores maiores. Os resultados do FTIR evidenciaram que as bandas características da PA6 não foram modificadas pela presença do SBR-R e nem pelo aumento da percentagem nas blendas binárias e pela presença de PE-g-MA nas blendas ternárias, mostrando que os seus grupamentos químicos não foram afetados.

  10. La temperatura del interior de la tierra

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Eslava R. Jesús A.

    1993-10-01

    Full Text Available The problem of defining the Earth interior temperature is analized from Heat Flow observations and the acceptance of convection processes in the mantle. Comparative analyses of thermal, adiabatic, and melting point profiles, allow to obtain the optimum temperature profile, wich fits the seismic model of a liquid external core.

    EI problema de definir la temperatura del interior de la Tierra, se analiza a partir de las observaciones del flujo térmico y la aceptación de procesos de convección en el manto.

    Análisis comparativos de perfiles térmicos, adiabáticos y de puntos de fusión, permiten obtener un perfil óptimo de distribución de temperaturas, que además satisface la observación sísmica de un núcleo externo líquido.

  11. Temperatura neutral y rangos de confort térmico para exteriores, período cálido en clima cálido seco

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Gonzalo Bojórquez

    Full Text Available El estimar las temperaturas de confort térmico en espacios exteriores permite obtener información que sirve de base para generar propuestas de diseño, cuyas condiciones ambientales propicien el confort térmico de los usuarios. Se presenta la estimación de temperatura neutral y rangos de confort térmico para espacios exteriores de un parque recreativo, en el período cálido en un clima desértico. El estudio fue desarrollado en Mexicali, Baja California, México. Se diseñó un cuestionario basado en la escala de sensaciones térmicas de ISO 10551, se midieron temperatura de bulbo seco, temperatura de globo gris, humedad relativa y velocidad de viento. Se aplicaron 822 encuestas en julio y agosto del 2008. Se estimaron temperatura neutra y rangos de confort con el método de medias por intervalo de sensación térmica. El análisis se hizo para tres niveles de actividad: pasiva, moderada e intensa y uno combinado con los tres niveles. Los valores de temperatura neutra obtenidos son aproximadamente simétricos con respecto a sus rangos de confort térmico. Las temperaturas neutras obtenidas muestran que los sujetos en actividad intensa, con práctica periódica de ejercicio y hábitos apropiados a las condiciones de clima, tienen una temperatura de confort térmico similar a aquellos con actividad pasiva.

  12. Produção de etileno em frutos de ameixeira ‘Prunus domestica’ sujeitos a duas temperaturas de conservação Ethylene production by ‘Prunus domestica’ plums during storage at two different temperatures

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    A.E. Rato

    2007-01-01

    Full Text Available A síntese de etileno em frutos climatéricos tem sido bastante estudada pela influência que tem na conservação dos mesmos. Por esse motivo tem-se tentado através de alterações das condições ambientais, influenciar a produção de etileno. Em muitas espécies a exposição dos frutos ao frio favorece a síntese de etileno, quando estes são transferidos para a temperatura ambiente, também a actividade enzimática da ACC sintetase aumenta rapidamente nos frutos quando da sua passagem para a temperatura ambiente. Em algumas variedades de pêras e maçãs têm-se mesmo utilizado a exposição a baixas temperaturas apenas com o objectivo de conseguir uma maturação mais homogénea e uma textura aceitável. Relativamente à ameixeira Prunus domestica L. ‘Rainha Claudia Verde’ existe pouca informação acerca da expressão dos genes que controlam a maturação, mais concretamente das enzimas ACC sintetase e ACC oxidase. Durante a maturação da ameixa ‘Rainha Claudia Verde’ observa-se um aumento na produção de etileno e na taxa de respiração, paralelamente a um decréscimo da acidez e da firmeza dos frutos. No entanto, contrariamente à maioria das espécies fruteiras, nesta variedade observa-se uma diminuição na taxa de produção de etileno quando os frutos, sujeitos à conservação pelo frio, são posteriormente retirados para a temperatura ambiente. Este decréscimo é tanto mais acentuado quanto maior for o período de exposição ao frio. Esta variedade é habitualmente conservada entre os 0-2 ºC e apresentando um período de comercialização de 2 semanas após a colheita. Pretendeu-se com este trabalho perceber que tipo de efeito existe relativamente à produção de etileno nesta variedade. Estudou-se a influência de duas temperaturas de conservação, (1 ºC e 7 ºC ± 1 ºC, na produção de etileno. Os frutos foram sujeitos a diferentes períodos de conservação frigorífica: 0, 2, 5, 8 e 14 dias, ao fim dos

  13. Influência da época de colheita e do armazenamento em atmosfera controlada na qualidade da maçã 'Braeburn' Influence of harvest maturity and controlled atmosphere conditions on the quality of 'Braeburn' apple

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Auri Brackmann

    2002-03-01

    Full Text Available Foi avaliado o efeito da época de colheita e das condições de armazenamento em atmosfera controlada sobre a firmeza da polpa, acidez titulável, ºBrix e, principalmente, sobre a ocorrência de degenerescência da polpa em maçãs (Malus domestica cv. Braeburn. Os tratamentos consistiram na combinação da data de colheita (27/3/1997 e 9/4/1997 com condição de armazenamento (temperatura de 0,5°C com: 1 kPa de O2/4,0 kPa de CO2; 1 kPa de O2/3,0 kPa de CO2; 1 kPa de O2/2,0 kPa de CO2; 21 kPa de O2/0,0 kPa de CO2, e temperatura de -0,5°C com: 1kPa de O2/3,0 kPa de CO2; 1 kPa de O2/2,0 kPa de CO2. Após oito meses de armazenamento, não foi observada suscetibilidade da maçã cv. Braeburn à baixa temperatura de armazenamento (-0,5ºC e os frutos armazenados em ambiente refrigerado apresentaram baixa qualidade para o consumo. As condições de atmosfera controlada de 1 kPa de O2 associadas com 2 e 3 kPa de CO2 e a -0,5ºC apresentaram menor incidência de podridões, rachaduras e degenerescência senescente. Os frutos colhidos tardiamente, em 9/4/1997, apresentaram maior incidência de podridões, polpa farinhenta, degenerescência com cortiça e rachaduras. Nos parâmetros firmeza da polpa, acidez titulável e teor de sólidos solúveis totais não se observaram diferenças entre as condições de atmosfera controlada, após sete dias de exposição à temperatura de 25ºC.This work was carried out to evaluate the effect of harvest maturity and controlled atmosphere on the quality and internal breakdown incidence in apples (Malus domestica cv. Braeburn. The treatments consisted in the combination of harvest maturity (March 27, 1997 and April 9, 1997 with storage conditions (0.5°C with: 1 kPa O2/4 kPa CO2; 1 kPa O2/3 kPa CO2; 1 kPa O2/2 kPa CO2; 21 kPa O2/0 kPa CO2-cold storage and; -0.5°C with: 1 kPa O2/3 kPa CO2; 1 kPa O2/2 kPa CO2. After eight months of storage, there was no low temperature injury on fruits stored at -0.5ºC, and the

  14. The influence of circadian rhythms on the metabolism of the snake Bothrops jararaca (Serpentes, Viperidae = A influência dos ritmos circadianos no metabolismo da serpente Bothrops jararaca (Serpentes, Viperidae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    José Geraldo Pereira da Cruz

    2008-07-01

    Full Text Available The thermoregulatory activity has led to an extensive search for correlations between physiological variables, including metabolic functions, and the ideal level of body temperature. Snakes were also often seen basking, when their body temperatures were relatively independent of ambient temperature, indicating successful thermoregulation. Bothrops jararaca were exposed to two different ambient temperatures (20 and 30oC over a time course of three weeks and oxygen consumption and body temperature were measured. The snakes exhibited a freerunning rhythm of body temperature. Metabolic rate wasincreased at the same circadian phase as the increase in body temperature in the 30oC. The increase of body temperature and oxygen consumption of B. jararaca occurs in the scotophase of the photoperiod, consistent with that of nocturnal species. However, prior to a scotophase period the snakes under 20oC maintain body temperature and oxygen consumption at higher levels during the day. These results demonstrate for the first time that ectothermic animals may display physiologically generated circadian rhythms of bodytemperature similar to those recorded in endotherms. Circadian rhythms allow animals to anticipate environmental changes: physiological parameters such as body temperature andmobilization of energy reserves have to be adjusted before the expected environmental changes actually take place.A atividade termorreguladora conduziu a uma busca extensiva para o entendimento das correlações entre as variáveis fisiológicas, incluindo as funções metabólicas e a temperatura corporal. Frequentes observações mostram que algumas serpentes podem se aquecer, sendo este aumento de temperatura independente da temperatura ambiente, indicando a termorregulação bem sucedida. Bothrops jararaca foramexpostas a dois ambientes com diferentes temperaturas (20 e 30oC durante três semanas, sendo mensuradas a temperatura corporal e o consumo de oxigênio. O aumento

  15. Optimization of protein extraction from the yeast Saccharomyces cerevisiae/ Otimização da extração de proteínas da levedura Saccharomyces cerevisiae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Raul Jorge Hernan C. Gómez

    2005-06-01

    Full Text Available This work aimed to determine the optimum temperature, pH and sodium chloride sodium concentration for protein extraction of yeast cells during autolysis process. The cellular extract was obtained using commercial compressed baker’s yeast Saccharomyces cerevisiae and for statistical analysis and definition of the variation levels of temperature (32,0 to 52,0°C, pH (1,32 to 7,00 and NaCl (2,0 to 75% the Response Surface Analysis Methodology was used. The result obtained showed that the best extraction conditions were: temperature between 49,0 and 51,0°C combined with pH values between 3,8 and 5,0 and sodium chloride concentration between 10,0 and 12,0% (w/v, however, sodium chloride concentration higher than 12% was not recommended.Este trabalho objetivou determinar os melhores níveis de temperatura, pH e concentração de cloreto de sódio para a extração de proteínas de células de levedura pelo processo de autólise. O extrato celular foi obtido a partir da levedura comercial prensada Saccharomyces cerevisiae e para análise estatística e definição dos níveis das variáveis temperatura (32,0 a 52,0°C, pH (1,32 a 7,00 e NaCl (2,0 a 75,0% utilizou-se a metodologia da Análise de Superfície de Resposta. Os resultados obtidos por meio desta metodologia mostraram como melhores condições: temperaturas entre 49,0 e 51,0°C combinadas com valores de pH entre 3,8 e 5,0 e concentrações de cloreto de sódio entre 10,0 e 12,0% (p/v, entretanto, concentrações de NaCl superiores a 12,0% não se mostraram favoráveis.

  16. Análise de índices biofísicos a partir de imagens TM Landsat 5 em paisagem heterogênea no Sudoeste da Amazônia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rodrigo Tartari

    2015-11-01

    Full Text Available O sudoeste da Amazônia Brasileira é composto por um mosaico de paisagem com transição de campos naturais e floresta ombrófila densa. A bacia do rio Puruzinho, localizada no “Arco do Desmatamento” no interflúvio Purus-Madeira, tem passado por mudança no uso e cobertura da terra. Assim, o objetivo deste estudo foi avaliar a variação espacial de índices biofísicos de uma paisagem heterogênea na bacia hidrográfica do rio Puruzinho. O índice de vegetação da diferença normalizada (NDVI, índice de área foliar (IAF, temperatura da superfície, albedo e saldo de radiação da superfície (Rn foram estimados pelo SEBAL (Surface Energy Balance Algorithm for Land a partir de imagens TM Landsat 5, e analisados sobre floresta densa, campos naturais, área desmatada e área urbana de Humaitá-AM. Todos os índices biofísicos foram significativamente diferentes, considerando o uso e cobertura da terra. Os índices biofísicos apresentaram padrão inverso entre a área urbana e a floresta densa, com menor NDVI, IAF e saldo de radiação e maior temperatura e albedo da superfície na área urbana. Portanto, as variáveis estimadas pelo SEBAL foram adequadas para avaliar o efeito das mudanças no uso do solo sobre as variáveis estimadas e distinguir áreas antropizadas de áreas naturais.

  17. Duração da suplementação de ractopamina em dietas para leitoas em terminação mantidas sob alta temperatura ambiente Duration of ractopamine supplementation in diets for finishing gilts maintained under high temperature environment

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Elizangela Alves da Silva

    2011-02-01

    Full Text Available Este estudo foi realizado com o objetivo de avaliar a duração da suplementação de ractopamina na dieta de leitoas em terminação, mantidas sob alta temperatura ambiente. Foram utilizadas 48 leitoas com peso inicial de 70,4±2,6kg, distribuídas no delineamento de blocos ao acaso, com seis tratamentos (suplementação de ractopamina por 0, 7, 14, 21, 28 e 35 dias pré-abate e quatro repetições, sendo a unidade experimental constituída por dois animais. O peso final e o consumo de ração diário não foram influenciados (P>0,05 pelos tratamentos. O ganho de peso aumentou e a conversão alimentar reduziu linearmente (P0,05 pela duração da suplementação de ractopamina na dieta. O peso dos pulmões, coração, fígado, rins e baço também não foi modificado (P>0,05 pelos tratamentos. Concluiu-se que a inclusão de 20ppm de ractopamina na dieta de leitoas em terminação, mantidas sob alta temperatura ambiente, durante 28 dias, maximiza a resposta de ganho de peso diário e, durante 35 dias, maximiza a resposta para conversão alimentar. Contudo, a inclusão do aditivo não altera as características quantitativas de carcaça e não afeta o desenvolvimento das vísceras.The study was conducted to evaluate the duration of the supplementation of ractopamine in the diet of finishing gilts maintained under high temperature environment. Forty eight females, with initial weight of 70.4±2.6kg were used. The pigs were distributed in randomized blocks design of six treatments (supplementation of ractopamine for 0, 7, 14, 21, 28 and 35 days pre-slaughter and four replications, each experimental unit consisted of two animals. The final weight and daily feed intake were not affected (P>0.05 by treatments. The weight gain increased and the feed conversion decreased linearly (P0.05 by duration of supplementation of ractopamine in the diet. The weights of the lungs, heart, liver, kidneys and spleen were not modified (P>0.05 by treatments. It was

  18. Germinação de sementes de urucu em diferentes temperaturas e substratos Germination of annatto seeds under different temperatures and substrates

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Renata Vianna Lima

    2007-08-01

    Full Text Available Objetivou-se, neste trabalho, analisar o comportamento germinativo das sementes de urucu cultivar Casca Verde, com e sem escarificação, sob regime de diferentes temperaturas e substratos. O trabalho foi realizado no Laboratório de Tecnologia e Análise de Sementes do Centro de Ciências Agrárias da Universidade Federal do Espírito Santo (CCA-UFES. O delineamento experimental utilizado foi o inteiramente casualizado, num esquema fatorial 2x6x4 (dois tratamentos físicos nas sementes, seis substratos e quatro temperaturas, totalizando 48 tratamentos, com quatro repetições de 50 sementes. Os tratamentos físicos foram: as sementes intactas e as sementes escarificadas; os substratos foram: a areia, a vermiculita, a fibra de coco, o pó de serra, o Plantmax e o rolo de papel Germitest ; e, as temperaturas testadas foram constantes de 20, 25 e 30ºC e alternada de 20-30ºC. Os dados foram submetidos à análise de variância e as médias comparadas pelo teste de Tukey. Os resultados obtidos evidenciaram maior porcentagem de germinação das sementes de urucu, semeadas nos substratos areia, vermiculita e rolo de papel; as temperaturas de 25, 30 e 20-30ºC foram mais adequadas para testes de germinação dessas sementes.This work was carried out with the objective to verify the effect of temperature and substrate on germinative capacity of annatto seeds. This study was developed in the Laboratories of Seed Analysis of Agrarian Science Center that belongs to the Universidade Federal do Espirito Santo (CCA-UFES, located in Alegre ES, Brazil. The experimental design was 2x6x4 factorial involving: (i two treatments in the seeds, (ii six substrates, and (iii four temperatures. Four replications were realized using 50 seeds at each experimental unit. Treatments refer to intact and scarified seeds. Substrates utilized were sand, vermiculite, coconut fiber, wood fiber, Plantmax and paper roll. Temperatures employed were 20, 25, 30 and 20-30ºC. Average

  19. Quadro clínico e tratamento da dermatite da área das fraldas: parte II Clinical presentation and treatment of diaper dermatitis: part II

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Juliana Dumet Fernandes

    2009-02-01

    Full Text Available A dermatite da área da fralda irritativa primária é a mais prevalente desse tipo, sendo provavelmente a afecção cutânea mais freqüente na primeira infância. Constitui fonte significativa de desconforto para a criança. O uso da fralda ocasiona aumento da temperatura e da umidade locais. Há conseqüente maceração da pele, que se torna mais susceptível à irritação ocasionada pelo contato prolongado da urina e das fezes. Freqüentemente surge infecção secundária por Candida albicans ou por bactérias como Bacillos faecallis, Proteus, Pseudomonas, Staphylococcus e Streptococcus. O uso de pós, óleos, sabões e pomadas irritantes agravam o quadro clínico. A melhor condu