WorldWideScience

Sample records for brasil fatores sociais

  1. Fatores Direcionadores da Transferência de Recursos em Programas Sociais no Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Doraliza Auxiliadora Abranches Monteiro

    2013-06-01

    Full Text Available Há intenso debate entre os estudiosos a respeito da focalização dos programas sociais. Alguns autores apontam o lado negativo da focalização desses programas no Brasil, em que têm prevalecido políticas de ação isolada em detrimento das universalizantes, enquanto outros defenderam a importância das políticas focalizadas. Nesse sentido, o presente estudo foi conduzido a fim de verificar a existência de fatores socioeconômicos direcionadores da distribuição dos recursos públicos dos programas sociais no Brasil. Buscou-se amparo teórico nas características da Proteção Social Brasileira e na descrição de vários programas sociais implantados pelo governo. Para a análise, foi estimada uma regressão linear múltipla com dados em painel para os 27 Estados brasileiros, em que o período do estudo foi de 2004 a 2006. Os resultados apontam a predominância do Programa Bolsa Família nos recursos destinados a programas sociais, indicando-o como o principal Programa Social do Brasil. Outro aspecto importante refere-se à identificação de fatores socioeconômicos direcionadores do repasse financeiro aos programas sociais, em que se destacam: população, proporção de pobres, esperança de vida ao nascer, taxa de desemprego, taxa bruta de mortalidade, taxa de analfabetismo e matrículas no ensino fundamental.

  2. Renda, Relações Sociais e Felicidade no Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Carlos Antonio Costa Ribeiro

    2015-03-01

    Full Text Available O objetivo deste artigo é descrever a distribuição de "bem-estar subjetivo" ou "felicidade" na população brasileira. Após uma breve revisão da literatura em psicologia, economia e sociologia sobre o tema, o texto apresenta dados comparando o Brasil com outros 134 países. O ponto central do artigo consiste na elaboração de um modelo estatístico para descrever os principais fatores correlacionados à "felicidade" da população. Em contraste com trabalhos anteriores sobre o Brasil, nossa análise revela que, além das condições materiais (principalmente a renda, diversas formas de relações sociais e de percepções são fundamentais para explicar a variação na distribuição de "felicidade". Os dados analisados são provenientes da pesquisa "Dimensões Sociais das Desigualdades", composta por uma amostra probabilística da população brasileira coletada junto a 8.048 domicílios em 2008.

  3. Habilidades sociais: fator de proteção contra transtornos alimentares em adolescentes

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Laura Giron Uzunian

    2015-11-01

    Full Text Available Resumo O objetivo desse estudo foi revisar a literatura a cerca da relação entre transtornos alimentares e habilidades sociais em adolescentes. Pesquisou-se as bases de dados Medline, SciELO e Lilacs, cruzando os descritores “transtornos alimentares”, “anorexia nervosa”, “bulimia nervosa” e “comportamento alimentar”, com os descritores “psicologia social” e “isolamento social”, e com as palavras chave “competência social”, “habilidade social” e “relação interpessoal”. Incluiu-se estudos com adolescentes, nos idiomas português, inglês e espanhol, e publicações realizadas entre os anos de 2007 a 2012. A busca resultou em 63 artigos, sendo incluídos 50 nesta revisão. A maioria dos estudos foi conduzido no Brasil e nos Estados Unidos. Do total, 43 eram artigos originais. Os estudos visavam compreender como o estado emocional poderia influenciar no estabelecimento dos transtornos alimentares, assim como as relações interpessoais e a relação entre os pares. Os artigos também discutiram a influência da mídia e da sociedade neste processo. A partir da análise dos estudos, observou-se que quanto maior o repertório de habilidades sociais dos adolescentes, maior será o fator de proteção contra o desenvolvimento de transtornos alimentares.

  4. Estudos de Comunidade e ciências sociais no Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Nemuel da Silva Oliveira

    2011-12-01

    Full Text Available O objetivo deste artigo é fazer um balanço da literatura sobre os Estudos de Comunidade (EC no Brasil, destacando o contexto intelectual em que foram produzidos e os debates que suscitaram, especialmente entre as décadas de 1940 e 1960. Método de pesquisa em comunidades, oriundo da Antropologia, em investigações sobre o processo de mudança social, os EC estiveram em voga nos Estados Unidos entre os anos 1920 e 1950, tendo papel fundamental na institucionalização das Ciências Sociais no Brasil. Destacamos três aspectos na produção desses estudos no país, iniciando com uma abordagem conceitual: definições, origem e sua relação com temáticas marcantes nos anos 1950. Em seguida, privilegiamos os aspectos relacionados ao papel dos EC na história das Ciências Sociais no Brasil, com destaque para o processo de institucionalização das Ciências Sociais. Por fim, revisitamos os debates que tais estudos geraram entre os cientistas sociais quanto ao padrão de trabalho sociológico a ser desenvolvido naquele momento.The purpose of this article is to examine the literature about Community Studies(CS in Brazil, highlighting their intellectual context of production and the debates evoked by them, especially between the 1940's and 1960's. As a research method arising from Anthropology on communities in social change process, CS was used in United States between 1920's and 1950's, and played a fundamental role in the institutionalization of Social Sciences in Brazil. Three aspects are highlighted on CS production: first, in a conceptual approach, we discuss their definitions, origins and relation to main topics in the 1950's. The second aspect is related to the role of CS in the history of Social Sciences, especially their institutionalization process. By the end, we revisit the debates between social scientists about the sociological work standard to be developed at that time.

  5. Mudanças de renda no Brasil: fatores espaciais, setoriais, educacionais e de status social

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    José Alcides Figueiredo Santos

    2015-12-01

    Full Text Available Resumo São analisadas as influências das variáveis espaciais, setoriais, educacionais e de status social nas mudanças de renda no Brasil entre 1992 e 2011. Estes fatores são considerados tanto de modo específico quanto em suas relações com classe social. O estudo combina o uso de medidas de diferenças observadas e de diferenças ajustadas por regressão quantílica. Nos modelos estimam-se tanto efeitos absolutos (em reais quanto relativos (percentuais. O trabalho aborda particularmente as alterações na renda mediana das categorias, mas observa também para as mudanças nos níveis superiores e inferiores da distribuição. A perda relativa de renda do Brasil metropolitano mostrou-se fortemente intrínseca à dimensão socioespacial. A queda nas discrepâncias brutas (não ajustadas de renda, de raça e de gênero envolveram combinações bem diferentes entre efeitos diretos e indiretos. Reduções nas desigualdades espaciais, setoriais e educacionais contribuíram para a diminuição da heterogeneidade dentro das classes sociais. Todos os cenários desenhados pelo jogo de controles estatísticos mostram que diminuiu sensivelmente a vantagem de renda dos que apresentam mais escolaridade. As mudanças de renda foram menores justamente entre as posições sociais que foram menos afetadas por alterações na distribuição ou dispersão da educação e os seus efeitos diretos e indiretos na renda.

  6. Florestan Fernandes e as ciências sociais no Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Thimotheo Camacho

    2007-05-01

    Full Text Available O texto aborda a produção intelectual de Florestan Fernandes: as pesquisas sobre as relações raciais no Brasil, suas reflexões teóricas e metodológicas na sociologia, e as variadas temáticas presentes em sua obra, abrangendo desde o problema indígena, escravidão e teoria das revoluções, até o folclore, educação e sociedade. This text speaks about the work of Florestan Fernandes : his researches about the racial relations in Brazil, his theoretical and methodological ideas about Sociology , and the many themes present in his work, from the Indians,the slaves, the theory of revolutions to folkclore, education and society.

  7. Fundo Público e o Financiamento das Políticas Sociais no Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Evilasio Salvador

    2012-06-01

    Full Text Available Fundo Público e o Financiamento das Políticas Sociais no Brasil Title: Public Fund and the financing of social policies in Brazil Resumo Este artigo discute a importância do fundo público na garantia dos direitos sociais.  Para tanto, analisa o financiamento tributário do Estado brasileiro, destacando a expressiva regressividade da carga tributária. O financiamento da política social pode ser analisado por três óticas: tributária, gestão financeira e financiamento indireto. O texto analisa e apresenta os dados do financiamento tributário das políticas sociais no período de 2001 a 2011. As despesas vinculadas são importantes para o Estado brasileiro garantir direitos, contudo, nem sempre o fato de garantir a vinculação significa que os gastos são feitos de forma a garantir a justiça social e a expandir os benefícios e serviços de forma universal, buscando erradicar as desigualdades sociais. Além disso, a regressividade tributária no financiamento das políticas sociais é um limitador da capacidade redistributiva do orçamento público.   Palavras-Chave: Fundo Público, Políticas Sociais, Tributos Abstract This article discusses the importance of public fund in the guarantee of social rights. For both, it analyzes the tax funding of the Brazilian State, highlighting the expressive regressivity of the tax burden. The financing of social policy can be analyzed by three optics: tax, financial management and indirect financing. The text analyzes and displays the data from tax funding of social policies in the period 2001 to 2011. The costs involved are important for the brazilian State guarantee rights, however, not always the fact to ensure the linking means that the expenditures are made in such a way as to ensure social justice and to expand the benefits and services of universal way, seeking to eradicate the social inequalities. In addition, the regressivity tax financing social policies and a limiter of redistributive

  8. ATIVISMO JUDICIAL, EFETIVIDADE DOS DIREITOS SOCIAIS E DESENVOLVIMENTO DA DEMOCRACIA NO BRASIL

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Sérgio Cabral dos Reis

    2012-08-01

    Full Text Available RESUMOTrata-se de artigo que pretende enfatizar as balizas do paradigma do Estado Democrático de Direito, principalmente quanto ao vínculo entre o princípio da solidariedade, a eficácia dos direitos sociais e o desenvolvimento da democracia no Brasil, país que, sabidamente, apesar de figurar entre as grandes economias do mundo, padece de forte quadro de exclusão social. Em decorrência desse fato, bem como do déficit de representatividade popular e descompromisso constitucional por parte dos Poderes Legislativo e Executivo, evidencia-se a atuação do Judiciário quanto à realização de políticas públicas que, na prática, concretizem os direitos humanos previstos na Constituição e nos Tratados Internacionais, rompendo, desse modo, com as discussões abstratas inerentes ao positivismo jurídico.Palavras- chave: Ativismo judicial; Direito sociais; Democracia. JUDICIAL ACTIVISM, EFFECTIVENESS OF SOCIAL RIGHT AND DEVELOPMENT OF DEMOCRACY IN BRAZIL ABSTRACTThe present article intends to emphasize the paradigmatic framewoks of the Democratic State of Law, especially regarding the relations between the Solidarity Principle, social rights effectiveness and democracy development in Brazil, a country which, despite its economical world status, suffers from dramatic social exclusion. Consequently, as well as because of lacking popular representativeness and Constitutional commitment from the Legislative and the Executive Powers, the Judicial Power’s performance draws attention to its public policies realization, which lead to Constitutional and International Treaty based human rights concretization and, therefore, disrupts juridic positivism inherent abstract discussions.Keywords: Judicial activism; Social law; Democracy. SUMÁRIO1. Introdução; 2. Do Estado Liberal ao Estado Democrático de Direito; 3. O princípio da solidariedade, a eficácia dos direitos sociais e a questão da legitimidade do Estado Democrático de Direito; 4. Crise

  9. Retardo do crescimento e condições sociais em escolares de Osasco, São Paulo, Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Lei Doris Lucia Martini

    1997-01-01

    Full Text Available Este trabalho teve por objetivo identificar a associação existente entre classe social e retardo do crescimento físico, ocorrido nos primeiros anos de vida. Com base em um censo de estatura, envolvendo alunos ingressantes em todas as escolas (públicas e particulares do Município de Osasco, região metropolitana de São Paulo, Brasil, realizado no início do ano letivo de 1989, foram selecionados casos e controles para a investigação retrospectiva dos determinantes sociais do retardo do crescimento. Os casos, totalizando 125 ingressantes de sete a oito anos de idade, foram caracterizados pelo índice altura/idade inferior a -2 escores Z da população de referência do NHCS/OMS. Os controles, totalizando 139 ingressantes da mesma idade, foram caracterizados pelo índice altura/idade superior a -1 escore Z. Escolaridade do chefe da casa e da mãe, renda familiar per capita, condições de habitação e saneamento, ou seja, variáveis que devem mediar a relação entre classe social e déficit de estatura, foram fatores que se associaram significativamente com o risco de retardo do cresimento. Quanto à inserção da família no processo social de produção, avaliada através da classe social do chefe, as crianças do subproletariado apresentaram uma chance sete vezes maior de retardo do crescimento quando comparadas com as dos grupos da pequena burguesia, refletindo os efeitos biológicos da recessão econômica dos anos 80.

  10. Fatores que influenciam as relações familiares e sociais de jovens após a gestação

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Thatiana Araújo Maranhão

    2014-05-01

    Full Text Available Objetivou-se analisar fatores intervenientes nas relações sociais e familiares de jovens dois anos pós-parto. Estudo transversal com 464 jovens de Teresina, Piauí, Brasil, que finalizaram uma gravidez no primeiro quadrimestre de 2006, em seis maternidades do município. Dados foram coletados de maio a dezembro de 2008 após identificação das jovens nos registros das maternidades. A análise multivariada se deu por meio de regressão logística multinomial. Jovens com laços conjugais eram 80% menos propensas a terem relações negativas com o cônjuge. Participantes com idade de 20-22 anos se relacionavam 2,4 vezes melhor com a mãe do que aquelas com idade de 17-19 anos. Jovens que não estudavam tinham 97% mais chances de mudanças negativas na relação com os amigos e as católicas eram 50% menos propensas a terem piorado suas relações de amizade após o parto. São necessárias ações orientadoras aos indivíduos que convivem com as jovens mães sobre a importância do apoio neste momento da vida, principalmente o parceiro e a mãe, incentivando-a a manter-se estudando.

  11. Uso de drogas psicotrópicas por estudantes: prevalência e fatores sociais associados

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Meire Soldera

    2004-04-01

    Full Text Available OBJETIVO: Determinar a prevalência do uso pesado de drogas por estudantes de primeiro e segundo graus em uma amostra de escolas públicas e particulares, e identificar fatores demográficos, psicológicos e socioculturais associados. MÉTODOS: Trata-se de um estudo transversal com uma técnica de amostragem do tipo intencional comparando-se escolas públicas de áreas periféricas e centrais e escolas particulares. Foi utilizado um questionário anônimo de autopreenchimento. A amostra foi constituída por 2.287 estudantes de primeiro e segundo graus da cidade de Campinas, SP, no ano de 1998. Considerou-se uso pesado, o uso de drogas em 20 dias ou mais nos 30 dias que antecederam a pesquisa. Para análise estatística, utilizou-se a análise de regressão logística politômica - modelo logito, visando identificar fatores que influenciem este modo de usar drogas. RESULTADOS: O uso pesado de drogas lícitas e ilícitas foi de: álcool (11,9%, tabaco (11,7%, maconha (4,4%, solventes (1,8%, cocaína (1,4%, medicamentos (1,1%, ecstasy (0,7%. O uso pesado foi maior entre os estudantes da escola pública central, do período noturno, que trabalhavam, pertencentes aos níveis socioeconômicos A e B, e cuja educação religiosa na infância foi pouco intensa. CONCLUSÕES: Maior disponibilidade de dinheiro e padrões específicos de socialização foram identificados como fatores associados ao uso pesado de drogas em estudantes.

  12. Uso de drogas psicotrópicas por estudantes: prevalência e fatores sociais associados

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Soldera Meire

    2004-01-01

    Full Text Available OBJETIVO: Determinar a prevalência do uso pesado de drogas por estudantes de primeiro e segundo graus em uma amostra de escolas públicas e particulares, e identificar fatores demográficos, psicológicos e socioculturais associados. MÉTODOS: Trata-se de um estudo transversal com uma técnica de amostragem do tipo intencional comparando-se escolas públicas de áreas periféricas e centrais e escolas particulares. Foi utilizado um questionário anônimo de autopreenchimento. A amostra foi constituída por 2.287 estudantes de primeiro e segundo graus da cidade de Campinas, SP, no ano de 1998. Considerou-se uso pesado, o uso de drogas em 20 dias ou mais nos 30 dias que antecederam a pesquisa. Para análise estatística, utilizou-se a análise de regressão logística politômica - modelo logito, visando identificar fatores que influenciem este modo de usar drogas. RESULTADOS: O uso pesado de drogas lícitas e ilícitas foi de: álcool (11,9%, tabaco (11,7%, maconha (4,4%, solventes (1,8%, cocaína (1,4%, medicamentos (1,1%, ecstasy (0,7%. O uso pesado foi maior entre os estudantes da escola pública central, do período noturno, que trabalhavam, pertencentes aos níveis socioeconômicos A e B, e cuja educação religiosa na infância foi pouco intensa. CONCLUSÕES: Maior disponibilidade de dinheiro e padrões específicos de socialização foram identificados como fatores associados ao uso pesado de drogas em estudantes.

  13. Social and cultural dimensions of hypertension in Brazil: a review Dimensões culturais e sociais da hipertensão no Brasil: uma revisão

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    William W. Dressler

    2000-06-01

    Full Text Available Elevated arterial blood pressure varies substantially in relation to social and cultural variables. Early work on acculturation, socioeconomic status, and blood pressure documented this variation, which could not be explained entirely by conventional factors such as diet, physical activity, or access to medical care. These findings stimulated the development of a model of stress and disease. The stress model emphasizes social and psychological factors that are perceived by individuals to be stressful, as well as factors that help individuals to respond to those stressors. Conventional stress models are, however, problematic because the primary emphasis is on individual perception, with little consideration of the social and cultural context in which stress occurs. This paper describes a complementary model of social and cultural influences on disease risk, placing greater emphasis on how individuals are able to approximate, in their own behaviors, shared cultural models of life, referred to as "cultural consonance". Findings from research in Brazil indicate that the higher an individual's cultural consonance, the lower his or her blood pressure. These results indicate the importance of linking different levels of analysis - the cultural, the individual, and the biological - to understand disease risk.A prevalência de hipertensão arterial varia bastante em relação a fatores sociais e culturais. As pesquisas iniciais sobre aculturação, status sócio-econômico e pressão arterial documentam essa variação, que não pode ser explicada totalmente por fatores convencionais. Tais conclusões estimularam o desenvolvimento de um modelo de estresse e doença. O modelo de estresse enfatiza a participação de fatores sociais e psicológicos que os indivíduos percebem como estressores, e fatores que podem ajudar a responder a tais fatores. Os modelos convencionais de estresse são problemáticos porque sua ênfase primária é na percep

  14. Validação da Escala de Comportamentos Sociais de Pré-escolares para o Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Talita Pereira Dias

    2011-09-01

    Full Text Available Este estudo teve por objetivo verificar as qualidades psicométricas do instrumento norte-americano Preschool and Kindergarten Behavior Scale (PKBS para o contexto brasileiro. Participaram, como informantes, pais e professores de 143 crianças de idade entre três e seis anos, de duas cidades do Interior do Estado de São Paulo. O PKBS-BR compõe-se de duas escalas, a saber, uma de habilidades sociais e uma de comportamentos problemáticos. Pais e professores responderam individualmente ao PKBS-BR na presença do aplicador. A análise fatorial indicou uma estrutura de três fatores para a escala de habilidades sociais (Cooperação Social, Independência Social e Interação Social e dois fatores para a escala de comportamentos problemáticos (Externalizantes e Internalizantes, os quais explicaram, respectivamente, 45,38% e 42,12% da variância dos dados. Os indicadores de consistência interna foram satisfatórios para as escalas, variando de 0,79 a 0,95. Discutem-se algumas semelhanças e diferenças da escala original com a brasileira e as aplicações do PKBS para a pesquisa e intervenção psicológica.

  15. O Projeto Unesco e a agenda das ciências sociais no Brasil dos anos 40 e 50

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maio Marcos Chor

    1999-01-01

    Full Text Available O artigo tem por objetivo descrever o processo de estruturação do ciclo de estudos sobre as relações raciais no Brasil patrocinado pela Unesco no início dos anos 50. Ao realçar a atuação de determinados atores sociais e suas respectivas visões a respeito do empreendimento a ser realizado no país, foi possível verificar os elos de ligação entre as demandas da agência internacional e o leque de questões formuladas pelas ciências sociais brasileiras. Esta agenda, sintetizada por Arthur Ramos no final dos anos 40, colocava para a inteligência do país inserida no mundo universitário o desafio de associar a qualificação profissional nos campos da Antropologia e da Sociologia e o incremento de pesquisas que pudessem decifrar o que o antropólogo considerava ser a singularidade brasileira, o "laboratório de civilização". Para Arthur Ramos, o tema das relações raciais assumia um lugar privilegiado para a percepção e análise dos desafios da transição do tradicional para o moderno, do cenário de significativas desigualdades sociais e raciais, da diversidade regional e da busca em conformar, em definitivo, uma identidade nacional.

  16. Fatores competitivos que afetam a decisão de investimento estrangeiro direto no Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Félix Alfredo Larrañaga

    2016-02-01

    Full Text Available Objetivo: explorar, descrever e explicar a relação entre a disposição de um investidor internacional a investir no Brasil e o ambiente competitivo brasileiro, com a finalidade de identificar os fatores de estímulo existentes. Originalidade/Lacuna/Relevância/Implicações: radica no fato de utilizar a análise multivariada para estabelecer e explicar a relação entre diversas variáveis quantitativas. Principais aspectos metodológicos: a identificação dessas relações resultou da aplicação de uma análise canônica entre o investimento estrangeiro como fluxo de entrada e acumulação e uma série de variáveis explicativas representantes do ambiente competitivo brasileiro. Os dados utilizados correspondentes ao período 1997 a 2011, foram levantados a partir de fontes nacionais e internacionais. Síntese dos principais resultados: a análise mostrou uma forte correlação entre o investimento direto estrangeiro no Brasil e alguns indicadores do ambiente competitivo do país. Principais considerações/conclusões: determinou-se que existe uma forte correlação entre o investimento produtivo internacional e o ambiente competitivo Brasileiro nas duas funções canônicas geradas. As variáveis explicativas relevantes que estimulam a escolha do Brasil como destino do IDE, são o bem-estar da sociedade, a produtividade do trabalho e as importações. O trabalho oferece uma ferramenta simples de análise prévia à decisão de investir.

  17. Fatores de risco cardiovascular e fatores associados em escolares do Município de Belém, Pará, Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Simone Augusta Ribas

    2014-03-01

    Full Text Available Este estudo transversal visou a identificar fatores de risco para doença cardiovascular em uma amostra, estratificada por conglomerados, de 557 escolares (6-19 anos de Belém, Pará, Brasil. Os fatores de risco investigados foram obesidade, hipertensão arterial, dislipidemia, diabetes, tabagismo, sedentarismo e dieta aterogênica. Variáveis sociodemográficas e relacionadas ao estilo de vida foram testadas no modelo de regressão binária logística. Os fatores de risco prevalentes foram excesso de peso (20,4%, dislipidemia (48,1% e sedentarismo (66,2%. Constatou-se que os escolares abaixo de dez anos e os provenientes das famílias de maior renda e com maior escolaridade materna apresentaram mais chances de desenvolverem excesso de peso; por sua vez, os escolares com excesso de peso foram os mais propensos a desenvolver hipercolesterolemia e hipertrigliceredemia. Diante desse quadro, faz-se necessária, ainda na primeira infância, a implantação de estratégias para controle de excesso de peso, por meio da alimentação balanceada e da prática física regular, para que se possa reduzir de forma efetiva a prevalência de fatores de risco em escolares nesta cidade.

  18. Fatores relacionados com a prática da episiotomia no Brasil: revisão de literatura

    OpenAIRE

    Rafael Cleison Silva dos Santos; Rodrigo Gomes dos Santos

    2016-01-01

    Este trabalho teve como finalidade apresentar os fatores relacionados com a prática da episiotomia, no Brasil, estudados na literatura. Realizou-se uma revisão, mediante a seleção de artigos na Biblioteca Virtual de Saúde e a amostra final foi composta por oito estudos primários. Os fatores relacionados com a prática da episiotomia mais analisados pelos estudos brasileiros foram: condições maternas (idade, escolaridade, paridade, episiotomia anterior, rigidez perineal, altura do períneo); con...

  19. Uma metodologia para diagnóstico de clima organizacional: integrando motivos sociais e cultura brasileira com fatores do ambiente de trabalho do Poder Judiciário

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Beatriz Quiroz Villardi

    2011-04-01

    Full Text Available Neste artigo examinam-se a concepção e a elaboração de uma metodologia para realização de diagnóstico de clima organizacional (DCO com uma ferramenta quantitativa que considera as especificidades do Poder Judiciário. Para tal identificaram-se em um Tribunal Regional de Justiça sete fatores de clima organizacional e três traços culturais. Nesta pesquisa exploratória os dados foram gerados por meio de pesquisa bibliográfica, documental, observação direta e entrevistas em profundidade que, interpretados qualitativamente, revelaram três traços culturais inter-relacionados: o autoritarismo, a centralização e o pessoalismo mediando três motivos sociais e sete fatores de clima organizacional. Os resultados do projeto-piloto indicaram que os motivos sociais de realização dos serventuários merecem maior atenção dos seus gestores que os de afiliação e de poder. Embora tivesse sido proposta uma ferramenta de análise quantitativa para minimizar a subjetividade no processo de DCO, percebeu-se que esta permeia a percepção dos gestores mediada por seus traços culturais, explicitando indissociabilidade entre objetividade-subjetividade da gestão de pessoas nessa organização. Por fim, apontam-se recomendações para a implantação da ferramenta DCO considerando suas especificidades.

  20. Fatores associados ao uso regular de cigarros por adolescentes estudantes de escolas públicas de Londrina, Paraná, Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Adriana Henriques Ribeiro Menezes

    2014-04-01

    Full Text Available Estudo epidemiológico transversal com objetivo de identificar fatores associados ao uso regular de cigarros por adolescentes. A amostra foi constituída por 517 alunos do 9o ano do Ensino Fundamental de escolas públicas de Londrina, Paraná, Brasil. O instrumento de coleta de dados incluiu características sociodemográficas, relações sociais e comportamentos de risco. Na análise estatística, foi utilizado o modelo de regressão logística com nível de significância em 5%. Relataram uso de cigarros, pelo menos, um dia nos últimos trinta dias 8,9% dos alunos. Os fatores idade ≥ 15 anos (OR = 2,28; IC95%: 1,21-4,32; p = 0,011 e possuir amigos fumantes (OR = 12,62; IC95%: 4,44-35,89; p < 0,0001 associaram-se ao uso regular de cigarros, tanto na análise univariada como na multivariada. Por outro lado, sexo, raça, classe social, morar com pai e mãe, religião, escolaridade materna, experimentação de álcool, atividade física e atividade remunerada não se associaram a essa prática. Esses achados podem subsidiar a elaboração de estratégias antitabágicas direcionadas à comunidade, tendo o adolescente como alvo.

  1. Movimentos sociais pelo transporte coletivo no Brasil manifestações, estratégias de luta e desafios

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Kader Carvalho Assad

    2015-12-01

    Full Text Available O artigo trata dos movimentos sociais pelo transporte coletivo no Brasil, enfatizando suas trajetórias, agendas e estratégias de luta pelo acesso ao transporte, entendido como condição imprescindível não apenas para a democratização do espaço urbano, mas também para o acesso aos direitos civis, políticos, sociais, econômicos, culturais e ambientais. A revisão de literatura revela que na trajetória analisada os movimentos pelo transporte recorreram a diferentes estratégias: de manifestações espontâneas como os quebra-quebras e interdição de vias públicas à organização em coletivos abertos e descentralizados; de reivindicações contra o aumento no preço das passagens e protestos contra as péssimas condições de manutenção dos veículos à luta pela gratuidade e estatização do sistema, revelando assim o caráter radical e anticapitalista que adquiriram as lutas desencadeadas nos últimos anos.

  2. Fatores associados ao câncer do colo uterino em Propriá, Sergipe, Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Lima Carlos Anselmo

    2006-01-01

    Full Text Available O câncer do colo uterino apresenta uma alta incidência nas regiões pobres dos países em desenvolvimento. Relaciona-se a fatores ligados ao estilo de vida que levam à infecção pelo Papilomavirus humano (HPV. O objetivo do estudo foi avaliar quais os fatores que favoreciam a infecção pelo HPV e ao desenvolvimento do carcinoma do colo uterino no Município de Própria, Sergipe, Brasil. Para o desenvolvimento da pesquisa, realizou-se um estudo de caso-controle, pareando-se quatro controles para cada caso quanto à idade, procedência e condição sócio-econômica. Foram identificadas vinte mulheres portadoras de carcinoma do colo uterino e oitenta controles. As mulheres do grupo casos apresentaram maior número de gestações e freqüência menor de realização de exame preventivo de rotina. Verificou-se também que as mulheres nos dois grupos tinham conhecimento pobre sobre o câncer e as suas formas de prevenção, alto índice de analfabetismo e os seus companheiros tinham múltiplas parceiras sexuais. O estudo concluiu que no Município de Própria, o maior número de gestações e a não realização de exames preventivos de rotina associaram-se à ocorrência de carcinoma do colo uterino.

  3. Fatores associados ao câncer do colo uterino em Propriá, Sergipe, Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Carlos Anselmo Lima

    Full Text Available O câncer do colo uterino apresenta uma alta incidência nas regiões pobres dos países em desenvolvimento. Relaciona-se a fatores ligados ao estilo de vida que levam à infecção pelo Papilomavirus humano (HPV. O objetivo do estudo foi avaliar quais os fatores que favoreciam a infecção pelo HPV e ao desenvolvimento do carcinoma do colo uterino no Município de Própria, Sergipe, Brasil. Para o desenvolvimento da pesquisa, realizou-se um estudo de caso-controle, pareando-se quatro controles para cada caso quanto à idade, procedência e condição sócio-econômica. Foram identificadas vinte mulheres portadoras de carcinoma do colo uterino e oitenta controles. As mulheres do grupo casos apresentaram maior número de gestações e freqüência menor de realização de exame preventivo de rotina. Verificou-se também que as mulheres nos dois grupos tinham conhecimento pobre sobre o câncer e as suas formas de prevenção, alto índice de analfabetismo e os seus companheiros tinham múltiplas parceiras sexuais. O estudo concluiu que no Município de Própria, o maior número de gestações e a não realização de exames preventivos de rotina associaram-se à ocorrência de carcinoma do colo uterino.

  4. Pobreza absoluta e classes sociais no Brasil : o saldo do periodo de estagnação economica, 1981-2003 : uma abordagem socio-ocupacional

    OpenAIRE

    Everton Dab da Silva

    2005-01-01

    Resumo:O presente trabalho teve como objetivo principal estudar a evolução da magnitude da pobreza e da miséria no Brasil, bem como as transformações em seu perfil sócio-ocupacional nas últimas duas décadas; de outra forma, investigar como a pobreza evoluiu no período de estagnação econômica, em que classes ou camadas sociais - definidas a partir das categorias ocupacionais - a pobreza concentrou-se e em que camadas sociais mais cresceu nesses 23 anos de crescimento econômico lento. Tendo em ...

  5. A imagem do Brasil no discurso do New York Times. Aspectos sociais

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria Inez Mateus Dota

    2010-01-01

    Full Text Available Este texto presenta un análisis de las noticias publicadas en el periódico The New York Times, versión digital, entre los meses de enero y junio de 2004. Al relacionarlas con los aspectos sociales del Brasil se intenta ver cuál es la imagen que ese periódico muestra del Brasil. El artículo adopta como fundamentos teóricos y metodológicos el análisis del discurso, principalmente las contribuiciones de Bell (1991, Fairclough (1995 y 2001, Fowler (1991 y Sousa (2004, discute las estrategias discursivas usadas para representar al Brasil y examina qué elementos escoge y los recursos de lenguaje que son empleados para la producción de los textos analizados.

  6. O "PREÇO" DO VOTO EOS "CUSTOS" SOCIAIS DAS CAMPANHAS ELEITORAIS NO BRASIL

    OpenAIRE

    Francisco Fransualdo de Azevedo

    2012-01-01

    En cada campaña electoral en Brasil, los candidatos y partidos políticos realizan gastos cada vez más elevados. Esto pone en evidencia la necesidad de una amplia reforma política, asociada a la creación de mecanismos que garanticen el cumplimiento de un sistema de leyes que venga a alterar este cuadro. Usualmente, quien se hace cargo de esos costes es la propia sociedad. Antes de 1993, ni siquiera existía en Brasil una normativa legal sobre los gastos de los políticos en las campañas electora...

  7. FATORES SOCIOAMBIENT AIS DETERMINANTES DE PARASITOSES INTESTINAIS NA LOCALIDADE HOMERO FIGUEIREDO, FEIRA DE SANTANA, BAHIA, BRASIL.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Alany Santos Oliveira

    2015-01-01

    Full Text Available As parasitoses intestinais são doenças cujos agentes etiológicos são helmintos ou protozoários,que se apresentam de forma endêmica em diversas áreas do Brasil, constituindo-se em um dosprincipais problemas de saúde pública, devido ao difícil acesso ao saneamento básico e àeducação pela população mais carente, já que a transmissão desses agentes está diretamenterelacionada com as condições de vida e de higiene da população. O presente trabalho teve comoobjetivo identificar os fatores socioambientais determinantes na disseminação de helmintos eprotozoários entre os indivíduos da localidade Homero Figueiredo, Feira de Santana - BA, localque possui abastecimento de água e esgotamento sanitário. Para isso, foram aplicadosformulários individuais e familiares, a fim de verificar os aspectos epidemiológicos dapopulação em estudo. Além disso, foi realizado o parasitológico de fezes da população, parapesquisa de helmintos e protozoários. A partir dos resultados obtidos no inquérito realizado edas análises parasitológicas, pôde-se constatar que houve positividade em relação às parasitosesintestinais, apesar da presença de condições mínimas de saneamento, como abastecimento deágua e coleta e tratamento de esgoto, e que alguns hábitos podem implicar em riscos decontaminação por parasitos. Diante do exposto, conclui-se que o índice de parasitos e comensaisintestinais em uma localidade está associado a fatores culturais e econômicos, bem como ascondições ambientais presentes no local de habitação e convívio social. Há de se considerar que,além da melhoria das condições sócio-econômicas e da infraestrutura geral, é necessário,também, o engajamento comunitário que é um dos aspectos fundamentais para implantação,desenvolvimento e sucesso dos programas de controle.

  8. O "PREÇO" DO VOTO EOS "CUSTOS" SOCIAIS DAS CAMPANHAS ELEITORAIS NO BRASIL

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Francisco Fransualdo de Azevedo

    2012-01-01

    Full Text Available En cada campaña electoral en Brasil, los candidatos y partidos políticos realizan gastos cada vez más elevados. Esto pone en evidencia la necesidad de una amplia reforma política, asociada a la creación de mecanismos que garanticen el cumplimiento de un sistema de leyes que venga a alterar este cuadro. Usualmente, quien se hace cargo de esos costes es la propia sociedad. Antes de 1993, ni siquiera existía en Brasil una normativa legal sobre los gastos de los políticos en las campañas electorales, o que implicase una no obligatoriedad de rendición de cuentas. A partir de las elecciones de 1994, es decir recientemente, la presentación de cuestas sobre ingresos y gastos de los candidatos se hizo obligatoria. En ese contexto, analizaremos la presentación de cuentas, de un parte de los candidatos del territorio brasileño, en las últimas campañas electorales realizadas en el país, mostrando las fuentes de financiamiento, posibles fines y cantidades negociadas. Para eso, analizaremos los textos relacionados con el tema, así como los datos recogidos por órganos tales como el Tribunal Superior Electoral o el Instituto Brasileño de Geografía y Estadística.

  9. A influência de fatores econômicos, institucionais e sociais na inserção de agroindústrias rurais em Santa Catarina

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Silvio Santos Junior

    2012-06-01

    Full Text Available As agroindústrias rurais (ARs têm sido vistas como uma possibilidade estratégica para produtores rurais. Diversos são, entretanto, os fatores críticos ao sucesso desses empreendimentos, como também diversos são os tipos de ARs existentes. O presente estudo, objetivando conhecer a realidade das ARs, busca quantificar a influência dos fatores econômicos, institucionais e sociais em promover sua inserção nos mercados e verificar se essa influência ocorre de forma diferenciada para os tipos de ARs existentes. Como base, as seguintes teorias são utilizadas: Economia Neoclássica e Organização Industrial, Nova Economia Institucional e Sociologia Econômica. O universo abrange as agroindústrias rurais de pequeno e médio porte, e a amostra foi composta por 40 unidades de análise de duas microrregiões geográficas de Santa Catarina. Os dados foram coletados por meio de entrevista estruturada e operacionalizados por meio de um modelo de regressão. Os achados mostram que as dimensões econômica e institucional têm influências semelhantes para a inserção das ARs no mercado e são, aproximadamente, duas vezes mais influentes que a dimensão social, quando se consideram todas as ARs da amostra. Quando se estratifica a amostra por tipos de ARs, percebe-se que há diferentes influências das dimensões do estudo para os diferentes tipos de ARs.

  10. Fatores relacionados com a prática da episiotomia no Brasil: revisão de literatura

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rafael Cleison Silva dos Santos

    2016-10-01

    Full Text Available Este trabalho teve como finalidade apresentar os fatores relacionados com a prática da episiotomia, no Brasil, estudados na literatura. Realizou-se uma revisão, mediante a seleção de artigos na Biblioteca Virtual de Saúde e a amostra final foi composta por oito estudos primários. Os fatores relacionados com a prática da episiotomia mais analisados pelos estudos brasileiros foram: condições maternas (idade, escolaridade, paridade, episiotomia anterior, rigidez perineal, altura do períneo; condições fetais (escore de Apgar, peso ao nascer, idade gestacional; condições assistenciais (posição materna, administração de ocitocina e misoprostol, manobra de Kristeller, formação do profissional e turno de trabalho. Este trabalho teve como finalidade apresentar os fatores relacionados com a prática da episiotomia, no Brasil, estudados na literatura. Realizou-se uma revisão, mediante a seleção de artigos na Biblioteca Virtual de Saúde e a amostra final foi composta por oito estudos primários. Os fatores relacionados com a prática da episiotomia mais analisados pelos estudos brasileiros foram: condições maternas (idade, escolaridade, paridade, episiotomia anterior, rigidez perineal, altura do períneo; condições fetais (escore de Apgar, peso ao nascer, idade gestacional; condições assistenciais (posição materna, administração de ocitocina e misoprostol, manobra de Kristeller, formação do profissional e turno de trabalho. Fatores associados ao consumo de frutas, legumes e verduras em adultos de uma cidade no Sul do Brasil

    OpenAIRE

    Neutzling,Marilda Borges; ROMBALDI,AIRTON JOSÉ; Azevedo, Mario Renato; Hallal, Pedro C

    2009-01-01

    O objetivo deste estudo foi descrever a freqüência de consumo de frutas, legumes e verduras por adultos de 20 a 69 anos de Pelotas, Rio Grande do Sul, Brasil, e analisar fatores associados. Foi realizado em 2006 um estudo transversal de base populacional, incluindo 972 adultos. A freqüência do consumo de frutas, legumes e verduras foi medida por meio de três perguntas referentes ao consumo habitual destes no ano anterior. O desfecho foi o consumo regular de frutas, legumes e verduras. Cerca d...

  11. Risk factors for hypertensive disorders of pregnancy in southern Brazil Fatores de risco para distúrbios hipertensivos durante a gravidez no Sul do Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Caroline Abrão Dalmáz

    2011-12-01

    Full Text Available OBJECTIVE:The aim of the study was to identify the frequency of risk factors for hypertensive disorders in pregnancy in Southern Brazil. METHODS: The study included 161 patients with hypertensive disorders and 169 control subjects matched by age and ethnicity. The frequency of the risk factors was compared by Fisher's exact test, chi-square and Student's t test. A multivariate logistic regression analysis assessed the independent role of clinical, social and demographic factors which were associated with occurrence of the hypertensive disease in pregnancy in the univariate analysis. RESULTS: Patients enrolled in the study were predominantly Caucasian (73% and the mean age was 29. In the multivariate analysis, the variables associated were: family history of preeclampsia (p = 0.001; OR = 3.88; 95% CI = 1.77-8.46, diabetes (p = 0.021; OR = 3.87; 95% CI = 1.22-12.27 and chronic hypertension (p = 0.002; OR = 7.05; 95% CI = 1.99-24.93. CONCLUSION: The risk factors associated with hypertensive disorders in pregnancy appear to be similar to those reported in other countries. The knowledge of the risk factors could be helpful in a prenatal care.OBJETIVO: Identificar a frequência dos fatores de risco para distúrbios hipertensivos durante a gravidez na região Sul do Brasil. MÉTODOS: O estudo incluiu 161 pacientes com distúrbios hipertensivos e 169 controles, compatíveis em idade e etnia. A frequência dos fatores de risco foi comparada a partir do teste exato de Fisher, teste qui-quadrado e teste t de Student. Uma análise logística multivariacional de regressão avaliou a influência de fatores clínicos, sociais e demográficos, associados com a ocorrência de doenças hipertensivas durante a gravidez na análise univariada. RESULTADOS: Os pacientes envolvidos no estudo eram predominantemente caucasianos (73% e a idade média foi 29 anos. Na análise multivariada as variáveis associadas foram: histórico de pré-eclâmpsia na família (p = 0

  12. Padroes de consumo de alcool e fatores associados entre adultos usuarios de servico de atencao basica do Rio de Janeiro, RJ, Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rafael Tavares Jomar

    2014-01-01

    Full Text Available RESUMO Objetivou-se estimar os padrões de consumo de álcool e identificar fatores associados entre usuários adultos de um serviço de atenção básica no município do Rio de Janeiro, Brasil. Desenvolvido através de inquérito domiciliar com amostra de 301 indivíduos que responderam a um instrumento de coleta que continha o Alcohol Use Disorders Identification Test e variáveis de caracterização sociodemográfica e de saúde. A regressão logística foi utilizada para verificar associação entre o padrão de consumo problemático de álcool e as variáveis independentes. Identificaram-se padrões de consumo problemático de álcool entre pessoas do sexo masculino, de cor da pele negra e/ou mestiça, não casadas, sem religião, tabagistas e entre pessoas sem doença crônica acompanhada pela unidade de saúde. Os serviços de saúde devem, portanto, estar preparados para identificar precocemente pessoas que fazem consumo problemático de álcool, a fim de prevenir consequências sociais e de saúde nas populações, espe cial mente nas atendidas pela atenção básica, que tem a promoção da saúde e a prevenção de agravos como práticas sanitárias prioritárias.

  13. Fatores de risco comportamentais acumulados para doenças cardiovasculares no sul do Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ludmila Correa Muniz

    2012-06-01

    Full Text Available OBJETIVO: Estimar a prevalência e identificar fatores associados ao acúmulo de comportamentos de risco para doenças cardiovasculares entre adultos. MÉTODOS: Estudo transversal de base populacional com amostra representativa de 2.732 adultos de ambos os sexos de Pelotas, RS, em 2010. Os fatores de risco comportamentais investigados foram: tabagismo; inatividade física no lazer; consumo habitual de gordura aparente da carne; e consumo diário de embutidos, carne vermelha e leite integral. O desfecho do estudo foi o escore de aglomeração de fatores de risco comportamentais, variando de zero a três: nenhum fator de risco comportamental para doenças cardiovasculares ou exposição a 1, 2 ou > 3 fatores de risco comportamentais. Realizou-se regressão logística multinomial para avaliar o efeito ajustado das características individuais sobre o acúmulo de fatores de risco comportamentais, tendo como categoria de referência indivíduos sem qualquer dos fatores. RESULTADOS: A inatividade física foi o fator de risco mais prevalente (75,6%, seguido do consumo habitual de gordura aparente da carne (52,3%. Dois terços da população apresentaram dois ou mais fatores de risco comportamentais. A combinação de inatividade física e consumo habitual de gordura aparente da carne ocorreu em 17,5% da amostra; e inatividade física, consumo habitual de gordura aparente da carne e tabagismo, em 6,7%. Os odds ratios de acúmulo de dois ou mais fatores foram maiores entre homens e associaram-se inversamente com o indicador econômico nacional. CONCLUSÕES: O acúmulo de fatores de risco comportamentais para doenças cardiovasculares é elevado na população estudada. São necessárias intervenções públicas capazes de prevenir a ocorrência simultânea desses fatores.

  14. Fatores não genéticos e desempenho de cavalos Puro Sangue Inglês no Brasil

    OpenAIRE

    2014-01-01

    Para avaliar influencia dos fatores não genéticos sobre as características de desempenho de cavalos Puro Sangue Inglês no Brasil, foram utilizados 234.350 registros de tempos de páreos de 20.826 animais, cadastrados de 2000 a 2009, competidores dos principais hipódromos brasileiros (Gávea, Cidade Jardim, Cristal e Tarumã). Estão compreendidos animais com idade a partir de dois anos. Características de desempenho estudadas no páreo foram: velocidade e tempo do páreo, número de colocações em pr...

  15. Fatores de risco nas alianças em projetos de TI: estudo de casos no Banco Central do Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Liana Ribeiro dos Santos

    2014-03-01

    Full Text Available Em resposta às crescentes mudanças e pressões da concorrência, número cada vez maior de empresas tem estabelecido alianças como forma de complementar seus recursos e assegurar suas vantagens competitivas. Embora essas alianças sejam uma boa opção estratégica para as empresas, existem evidências de grande taxa de fracasso. Muitos estudos têm analisado os fatores de sucesso das parcerias, mas poucos têm dado ênfase às dificuldades e à prevenção de riscos. O objetivo neste artigo consiste em apresentar os resultados de uma pesquisa em que se buscou identificar os fatores de risco que dificultam as alianças no caso de projetos de Tecnologia da Informação (TI. Trata-se de uma pesquisa exploratória, focada em cinco projetos estratégicos de TI do Banco Central do Brasil, desenvolvidos em parceria com outras instituições públicas e privadas, a maioria delas nacionais e uma estrangeira. Apesar de os projetos terem tido sucesso, foi possível identificar como principais fatores de risco: falta de planejamento da aliança, falta de negociação entre parceiros, falta de comprometimento dos parceiros e falta de apoio institucional. A pesquisa trouxe lições relevantes para o gerenciamento de projetos que podem beneficiar outras alianças em projetos de TI.

  16. Determinantes ambientais e sociais da esquistossomose mansoni em Ravena, Minas Gerais, Brasil Environmental and social determinants in schistosomiasis mansoni in Ravena, Minas Gerais, Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Pedro Coura-Filho

    1995-06-01

    Full Text Available Neste estudo foram identificados os determinantes biológicos e sociais na transmissão da esquistossomose em Ravena, Sabará, Minas Gerais, Brasil, em 1980, visando a caracterizar o perfil clínico-epidemiológico da endemia na população para posterior avaliação da eficácia do fornecimento de água potável intradomiciliar e o tratamento específico quadrianual dos infectados pelo Schistosoma mansoni. O distrito é formado por três localidades: Ravenópolis, Ravena e Lavapés, cujas prevalências da endemia foram 20,1%; 42,6% e 63,9%, respectivamente. A prevalência da endemia no distrito foi estatisticamente maior nos homens. As faixas etárias que apresentaram diferenças por sexo foram as de 10-14 e 15-19 anos. A intensidade da infecção só foi diferente estatisticamente entre indivíduos com idade entre 10 e 14 anos nas três localidades, e de 15 a 19 anos entre indivíduos de Ravenópolis e Ravena. A forma hepatointestinal estava associada à idade: menores de 15 anos apresentaram risco 8,85 vezes maior do que os adultos. A análise multivariada dos fatores determinantes da transmissão da endemia evidenciou que a localidade de Lavapés esteve independentemente associada à infecção pelo S. mansoni. Era onde estavam ocorrendo os maiores riscos de infecção por falta de saneamento, maior proximidade das casas a córregos infestados por cercárias de S. mansoni, o que facilitava a infeccção das donas-de-casa em atividades domésticas e dos homens na prática de tirar areia. Esses resultados apontam o carater focal da transmissão da endemia, exigindo medidas específicas.This study identified the role of biological and social determinants in the transmission of schistosomiasis mansoni in Ravena, Minas Gerais, Brazil, in 1980. This data was used to characterize the clinical and epidemiological profiles of the endemic desease in the population, allowing for the determination of the efficacy of the potable water supply and the

  17. Fatores associados à vacinação contra influenza em idosos em município do Sudeste do Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Donalisio Maria Rita

    2006-01-01

    Full Text Available OBJETIVO: Mesmo gratuita e disponível no Brasil desde 1999, a cobertura vacinal contra a influenza ainda é inadequada em diversos municípios do País. O objetivo da pesquisa foi estimar a cobertura vacinal e identificar fatores relacionados à vacinação contra a influenza em idosos. MÉTODOS: Realizou-se inquérito domiciliar em amostra aleatória sistemática (N=365 da população urbana maior de 60 anos em Botucatu, São Paulo. Foi aplicado modelo de regressão logística múltipla, cuja variável dependente foi ter sido vacinado em 2002. Foram testadas no modelo as covariáveis: sexo, idade, socioeconômicas (renda per capita, número de pessoas por cômodo, escolaridade, estado civil, ocupação, tempo de moradia, antecedentes mórbidos, de internação, hábito de fumar, sintomas respiratórios nos últimos 15 dias e atividades comunitárias (trabalho voluntário, atividades no bairro, igreja. RESULTADOS: Registrou-se cobertura vacinal de 63,2% (IC 95%: 58,3-68,2. Foi observado menor percentual de vacinados entre os idosos na faixa etária de 60 a 64 anos. As variáveis que se mostraram associadas à vacinação e permaneceram no modelo final foram: idade (OR=1,09 por ano; IC 95%: 1,06-1,13; hipertensão arterial (OR=1,92; IC 95%: 1,18-3,13; inserção em atividades na comunidade (OR=1,63; IC 95%: 1,01-2,65. A vacinação em portadores de doenças crônicas não atingiu níveis adequados conforme esperado para este grupo de risco, com exceção dos hipertensos. A participação em atividades comunitárias e sociais foi relacionada com o estado vacinal. CONCLUSÕES: Condições socioeconômicas, hábitos e idade não restringiram o acesso à campanha vacinal. Por outro lado, campanhas específicas, endereçadas a indivíduos da faixa de 60 a 64 anos, podem ampliar a cobertura da vacinação.

  18. Política, burocracia e redes sociais: as nomeações para o alto escalão do Banco Central do Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cecília Olivieri

    2007-11-01

    Full Text Available O estudo das nomeações para os cargos de direção do Banco Central do Brasil, pela análise de redes sociais, permite compreender aspectos fundamentais do sistema político-administrativo brasileiro. A escolha dos dirigentes públicos afeta a governabilidade e a governança do país. A troca entre cargos e o apoio parlamentar podem garantir a estabilidade do governo, mas também podem reduzir o controle do Presidente da República sobre a burocracia e sobre a direção das políticas públicas. A análise de redes sociais permite a construção dos critérios de escolha dos dirigentes públicos, revela novos padrões de interface entre Estado e sociedade e ilumina o estudo da accountability entre dirigentes públicos e a burocracia e entre governo e sociedade.

  19. A Psicologia Política das Classes Sociais no Brasil: Atributos das Atitudes Políticas por Estratificação e Mobilidade Social

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Lucio Rennó

    2016-03-01

    Full Text Available RESUMO Neste artigo são testadas diferentes hipóteses derivadas da literatura especializada nacional e internacional sobre o efeito da estratificação e mobilidade social nas atitudes políticas e seus atributos no Brasil. São usados dados do Barômetro das Américas, rodada de 2012, pesquisa de opinião pública domiciliar com amostra representativa da população brasileira. Ao articular a literatura sobre classes sociais com a de psicologia política, o artigo interlaça duas vertentes teóricas que raramente dialogam para melhor especificar a potencial diferenciação comportamental por classes sociais e por padrões de mobilidade social. Assim, enfocamos variações tanto no conteúdo substantivo das opiniões de distintas classes, como também exploramos as distinções nos atributos das atitudes como não opinião, extremismo e heterogeneidade. Os achados demonstram um certo exagero da literatura brasileira atual em diferenciar a nova classe média das demais.

  1. Fatores sociais, comportamentais e biológicos associados à presença de placa dentária na superfície oclusal de primeiros molares permanentes

    OpenAIRE

    Seabra, Larissa de Carvalho Santa Rita; Melo, Raquel Rossete; Gomes, Viviane Elisângela; Oliveira,Ana Cristina; Ferreira, Efigênia Ferreira

    2016-01-01

    Objetivo: Analisar os fatores socioeconômicos, biológicos e comportamentais associados à presença de placa bacteriana na superfície oclusal de primeiros molares permanentes de escolares. Materiais e Métodos: Por meio de um estudo transversal, foram investigados 272 pais/responsáveis e suas respectivas crianças, de 6 a 8 anos de idade, de duas escolas públicas de um município de grande porte da região Sudeste do Brasil, selecionados por conveniência. A variável dependente foi a presença de pla...

  2. Colesterol total e fatores associados: estudo de base escolar no sul do Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Mauren Lúcia de Araújo Bergmann

    2011-07-01

    Full Text Available FUNDAMENTO: Evidências têm sugerido que uma parcela importante de crianças e adolescentes apresenta níveis elevados de colesterol total. OBJETIVO: Estimar a prevalência de hipercolesterolemia e fatores associados em escolares de 7 a 12 anos de idade. MÉTODOS: Estudo transversal de base escolar de uma amostra aleatória composta por 1.294 escolares de 7 a 12 anos, de Caxias do Sul (RS. Os escolares responderam a uma entrevista com informações sobre nível socioeconômico, hábitos alimentares e hábitos de atividade física e de lazer. Foram realizadas medidas de colesterol total, de aptidão cardiorrespiratória, de massa corporal, estatura para o cálculo do índice de massa corporal. Para o tratamento dos dados foram utilizadas as análises univariada, bivariada e multivariada. RESULTADOS: A análise multivariada identificou que indivíduos com o nível socioeconômico alto (OR: 1,70; IC: 1,05-2,75, do sexo feminino (OR: 1,32; IC: 1,03-1,67, e com excesso de peso (OR: 1,40; IC: 1,10-1,77 apresentam chances aumentadas de terem colesterol total aumentado (> 3º tercil. CONCLUSÃO: Elevados níveis de colesterol total em escolares de 7 a 12 anos estão associados ao nível socioeconômico alto, ao sexo feminino e ao excesso de peso. O incentivo a um estilo de vida ativo e a hábitos alimentares adequados pode auxiliar no controle dos níveis de colesterol e diminuir os fatores de risco.

  3. Prevalência e fatores associados à sintomatologia depressiva em idosos residentes no Nordeste do Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Álvaro Campos Cavalcanti Maciel

    2006-01-01

    Full Text Available OBJETIVO: Analisar a influência de fatores sociodemográficos, de saúde física, capacidade funcional e função cognitiva sobre a sintomatologia depressiva de idosos do município de Santa Cruz, no Rio Grande do Norte. MÉTODOS: Estudo com delineamento transversal de base populacional, incluindo 310 idosos, acima de 60 anos, residentes na zona urbana da cidade, nos quais se aplicou a Escala de Depressão Geriátrica (GDS-15.Aanálise estatística foi realizada com nível de significância p = 0,05, com cálculo da respectiva odds ratio (OR na regressão logística binária. RESULTADOS: Encontrou-se uma prevalência de 25,5% de sujeitos considerados casos de depressão, nos quais, a partir de análise multivariada, verificou-se associação significativa com idade acima de 75 anos (p = 0,046, analfabetismo (p = 0,037, má percepção de saúde (p < 0,001 e dependência para atividades instrumentais da vida diária (AIVD (p = 0,001. CONCLUSÕES: As variáveis idade acima de 75 anos, analfabetismo, má percepção de saúde e dependência para AIVD estiveram associadas de forma independente à presença de sintomatologia depressiva nos idosos da nossa população. Os autores discutem que a identificação de fatores que influenciam o surgimento de sintomas depressivos em idosos constitui passo fundamental para o planejamento das ações que visem reduzir os efeitos dessa enfermidade na qualidade de vida dessas pessoas.

  4. SOCIEDADE DA INFORMAÇÃO: OS MOVIMENTOS SOCIAIS EM REDE COMO INSTRUMENTOS PARA A DEMOCRACIA NO BRASIL

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Aline Antunes Gomes

    2015-10-01

    Full Text Available O advento das novas tecnologias de comunicação e informação, principalmente a internet, propiciou mudanças de comportamento dos cidadãos e o surgimento de um novo espaço público, por onde circulam livremente ideias e informações. Essa abertura potencializa a participação cidadã e as lutas sociais em prol da efetivação dos direitos humanos e fundamentais e estimula o surgimento de movimentos sociais em rede. Utilizando-se de uma pesquisa de caráter bibliográfico e do método de abordagem hipotético-dedutivo, este texto apresenta um breve panorama dos principais movimentos que surgiram a partir da rede na última década. Aponta também os limites e as perspectivas que o país encontra para proporcionar uma maior participação da população no ativismo digital e visualiza os movimentos sociais em rede como um instrumento importante para a manutenção da democracia.

  5. Fatores determinantes do nível de disclosure voluntário das companhias abertas no Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fernando Dal-ri murcia

    2009-08-01

    Full Text Available O objetivo do estudo é identificar os fatores que explicam o nível de disclosure voluntário das companhias abertas no Brasil. A pesquisa está fundamentada na Teoria do Disclosure Voluntário de Verrecchia (2001. O nível de disclosure das empresas foi definido a partir de uma métrica composta por seis categorias e 43 subcategorias: Ambiente de Negócios (8, Atividade Operacional (8, Aspectos Estratégicos (8, Informações Financeiras (7, Índices Financeiros (4 e Governança Corporativa (8. A análise do disclosure voluntário foi realizada a partir das Demonstrações Financeiras Padronizadas (DFPs, do exercício findo em 2007, por meio da técnica de análise de conteúdo. A amostra é composta pelas 100 maiores companhias abertas não-financeiras. Por meio de um modelo de regressão múltipla, foram testadas nove hipóteses: auditoria, rentabilidade, internacionalização, tamanho, governança corporativa, endividamento, controle acionário, emissão de ações e setor. Os resultados evidenciam que empresas maiores, pertencentes ao setor elétrico, que possuem American Depositary Receipts (ADRs nos níveis II e III na Bolsa de Nova Iorque (NYSE e que aderem aos níveis diferenciados de governança corporativa da Bolsa de São Paulo (Bovespa, possuem, em média, um maior nível de disclosure voluntário. Esses resultados podem ser interpretados à luz da hipótese do vínculo (bonding hypothesis e também dos custos políticos (political costs hypothesis, na medida em que grandes empresas e aquelas com melhores práticas de governança corporativa possuem maiores níveis de disclosure voluntário. Nota-se também que a regulação setorial, especificamente no setor elétrico, também é um fator significativo para explicar o nível de disclosure voluntário das companhias abertas.

  6. Fatores determinantes da estrutura de capital das empresas de materiais básicos do Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    David Ferreira Lopes Santos

    2014-09-01

    Full Text Available Este artigo examina a estrutura de capital de oito empresas representativas do Índice de Materiais Básicos da BM&FBOVESPA no período de 1994 a 2011. A controvérsia existente nas bases teóricas desenvolvidas neste tema permite que novas abordagens sejam levantadas com o objetivo de aumentar a compreensão dos fatores que determinam os níveis de endividamento das firmas. Neste estudo optou-se pelo uso de indicadores financeiros que representassem três eixos de interesse (rentabilidade, capacidade de pagamento e geração de caixa na explicação do endividamento de curto e longo prazo. A abordagem metodológica foi quantitativa, por meio da análise de regressão com dados em painel. A expectativa inicial é que os resultados encontrassem aderência nas premissas da Pecking Order Theory. Em que pese às restrições metodológicas, observou-se que as variáveis de liquidez corrente, ROA e ROE determinam o endividamento de longo e curto prazo, sendo este último, também influenciado pelas variáveis de ciclo financeiro e giro do ativo. Todavia, o grau de influência da rentabilidade é distinto para as variáveis dependentes, o que denota a existência de conflitos de agência entre credores e acionistas e a preferência pelo uso de fontes internas no financiamento dos ativos.

  7. INVESTIGANDO OS FATORES QUE INFLUENCIAM A ADOÇÃO DE HDTV NO BRASIL

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Daniel da Hora Alves Lima

    2012-12-01

    Full Text Available Três anos depois do lançamento da TV digital no Brasil, sua penetração ainda é pequena. O consumidor de conteúdo em alta definição tem sido principalmente assinantes de TV paga, em geral famílias com renda elevada, mas potenciais formadores de opinião. Para identificar estímulos e barreiras à adoção da TV por assinatura em alta definição (HD, quinze potenciais usuários foram entrevistados. Em seguida, um survey foi conduzido em amostra de 348 assinantes de TV paga que não contratavam pacotes HD. Os dados foram tratados por técnicas de data mining e árvore de decisão, identificando-se a relação entre atributos do serviço de HD percebidos e a intenção de contratá-lo. Os resultados sugerem que a disponibilidade de conteúdo em HD, recursos percebidos, renda familiar e a percepção de facilidade de uso da tecnologia têm impacto significativo na intenção de adoção de um serviço por assinatura de HDTV.

  8. Efeitos da Exposição aos Fatores de Risco Comportamentais à Saúde sobre o Atraso Escolar no Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Aléssio Tony Cavalcanti de Almeida

    2016-06-01

    Full Text Available Este trabalho objetiva avaliar o papel da exposição de alunos aos fatores de risco comportamentais à saúde - cigarro, bebida alcoólica e excesso de peso - no resultado educacional no Brasil. Para tanto, os microdados da Pesquisa Nacional de Saúde do Escolar (PENSE 2012 em conjunto com técnicas paramétricas e não-paramétricas são utilizados para a estimação do efeito da exposição a esses fatores sobre o indicador de atraso escolar de discentes no 9° ano do ensino fundamental. Os principais resultados da pesquisa indicam que a exposição aos fatores de risco se relaciona de forma direta com o atraso escolar, sendo os efeitos mais intensos para os estudantes com pior nível socioeconômico. Esses achados sugerem a importância de políticas públicas que promovam a prevenção desses fatores de risco desde a infância, pois as consequências dessas exposições podem gerar desdobramentos não apenas na saúde mas também no componente educacional do capital humano.

  9. Fatores associados à percepção de melhora por usuários de Centros de Atenção Psicossocial do Sul do Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Uiasser Thomas Franzmann

    Full Text Available Este estudo objetivou investigar os fatores associados à melhora percebida pelos usuários de Centros de Atenção Psicossocial (CAPS. Estudo transversal, realizado com 1.493 usuários de CAPS do Sul do Brasil. A melhora percebida pelos participantes foi avaliada pela Escala de Mudança Percebida - Pacientes (EMP-Pacientes. Para investigação dos fatores associados, muniu-se de uma regressão logística guiada por um modelo hierárquico que considerou como associação um valor de p < 0,05. Os fatores associados ao desfecho foram: estado de alocação do CAPS, possuir trabalho remunerado, diagnóstico de esquizofrenia, menor idade quando diagnosticado, maior tempo de frequência no serviço, facilidade de acesso e envolvimento na avaliação. Entre os fatores que efetivamente tencionam melhora nos usuários, destacam-se aqueles referentes às características da doença e os aspectos relativos aos serviços quanto à execução das políticas de saúde mental e quanto à organização deles.

  10. Um fator de desenvolvimento de clusters no Brasil: a educação profissional

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Flávio Henrique dos Santos Foguel

    Full Text Available O objetivo do artigo é analisar a relevância dos cursos superiores de tecnologia para o sistema de cluster no contexto da realidade brasileira, de forma a demonstrar a importância da formação de tecnólogos (graduação tecnológica para o desenvolvimento desses aglomerados empresariais. O artigo aborda os conceitos de cluster e de educação tecnológica, com uma pesquisa bibliográfica sobre experiências de clusters brasileiros. Nas últimas duas décadas, o conceito de cluster (aglomeração geográfica de empresas interconectadas de segmentos específicos e/ou correlatos vem ganhando crescente interesse por parte de empresas, governos e estudiosos, em virtude do êxito obtido por várias dessas aglomerações, localizadas em diversas regiões do globo e também no Brasil, em aspectos como competitividade, longevidade, geração de empregos e capacidade de inovação. O artigo também demonstra os esforços do governo brasileiro na definição de suas prioridades, a competitividade exportadora e a substituição de importações, através do plano plurianual (2004-2007, e proporciona uma reflexão sobre como é fundamental melhorar os níveis de educação e capacitação, desenvolver tecnologia, aperfeiçoar as instituições e possibilitar o acesso aos mercados de capitais, demonstrando de forma objetiva a importância da formação de tecnólogos (graduação tecnológica para o sucesso do sistema de cluster.

  11. Fatores associados à cesariana entre primíparas adolescentes no Brasil, 2011-2012

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Silvana Granado Nogueira da Gama

    2014-08-01

    Full Text Available En este artículo se propone el estudio de los factores asociados a la cesárea en adolescentes primíparas en Brasil, utilizando los datos de una encuesta de base hospitalaria, realizada en 2011 y 2012. La información se obtuvo mediante entrevistas con mujeres después del parto, durante la hospitalización. Se estableció un modelo conceptual teórico con tres niveles de jerarquía, donde la variable dependiente fue el tipo de parto: cesárea o vaginal. Los resultados muestran una alta proporción de cesáreas en adolescentes primíparas (40% y los factores más fuertemente asociados a la cesárea son: la consideraban más segura (OR = 7,0; IC95%: 4,3-11,4; era un parto financiado por el sector privado (OR = 4,3; IC95%: 2,3-9,0; o el hecho de que un mismo profesional de salud prestara atención en el periodo prenatal y parto (OR = 5,7; IC95%: 3,3-9,0, así como la historia clínica de los riesgos y complicaciones (OR = 10,8; IC95%: 8,5-13,7. El embarazo adolescente sigue estando en la agenda de la salud reproductiva, siendo preocupante la proporción de partos operatorios encontrados en este estudio, teniendo en cuenta la exposición temprana a los efectos de la cesárea.

  12. Prevalência de sibilância e fatores associados em crianças menores de 5 anos de Cuiabá, Mato Grosso, Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Antonia Maria Rosa

    2013-09-01

    Full Text Available A prevalência de sibilância no Brasil é elevada, com variações entre as regiões do país, bem como com fatores de risco diferenciados. Com o objetivo de analisar a prevalência de sibilância e fatores associados em menores de 5 anos em Cuiabá, Mato Grosso, Brasil, realizou-se estudo transversal, cuja amostra constou de 733 crianças. Foi utilizado o instrumento padronizado, resumido do Estudio Internacional de Sibilancias en Lactantes (EISL. Para análise dos fatores associados à sibilância foi aplicada regressão logística com abordagem hierarquizada. A prevalência de sibilância nos últimos 12 meses foi de 43,2%. Foram associados à sibilância: não amamentação ao seio por 6 meses ou mais (OR ajustada = 1,91; IC95%: 1,18-3,06, diagnóstico de asma familiar (OR ajustada = 2,02; IC95%: 1,06-3,87, doença prévia (OR ajustada = 1,81; IC95%: 1,05-3,14 e sexo masculino (OR ajustada = 1,50; IC95%: 1,07-2,11. Concluiu-se que a prevalência de sibilância em crianças dessa faixa etária em Cuiabá é elevada e está associada a fatores relacionados à provável atopia, doença prévia e sexo masculino.

  13. Hipertensão arterial em idosos: prevalência, fatores associados e práticas de controle no Município de Campinas, São Paulo, Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Zaitune Maria Paula do Amaral

    2006-01-01

    Full Text Available Este estudo teve como objetivo avaliar a prevalência da hipertensão arterial referida em idosos de Campinas, São Paulo, Brasil, identificando os fatores associados, o uso de serviços de saúde e o conhecimento e as práticas quanto às opções do tratamento. Trata-se de estudo transversal, de base populacional, com amostra de conglomerados, estratificada e em múltiplos estágios. A análise dos dados referentes aos 426 indivíduos (sessenta anos e mais levou em conta o desenho amostral e o efeito do delineamento. A prevalência de hipertensão foi de 51,8% (46,4% nos homens e 55,9% nas mulheres e mostrou-se mais elevada em idosos: com menor escolaridade (55,9%, migrantes de outros estados (60,2% e com sobrepeso ou obesidade (57,2%. Os resultados indicam que os serviços de saúde estão garantindo o acesso ao atendimento médico (71,6% visitam o médico regularmente e aos medicamentos (86,7% tomam medicamento de rotina, sem distinção de nível sócio-econômico. Persistem, no entanto, desigualdades sociais quanto ao conhecimento e utilização de outras práticas de controle da pressão arterial, como dieta adequada e atividade física, que são insuficientemente utilizadas também pelos segmentos socialmente mais favorecidos.

  14. A VELHICE NÃO CONTEMPLADA: INVISIBILIDADE DAS DEMANDAS SOCIAIS DA PESSOA IDOSA EM FERNANDO DE NORONHA - NORDESTE DO BRASIL

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Sálvea de Oliveira Campelo e Paiva

    2010-01-01

    Full Text Available O objetivo geral deste trabalho é apresentar informações epidemiológicas e reflexões sobre os padrões e as desigualdades no processo de envelhecimento. Os resultados da pesquisa sobre o perfil socioeconômico e epidemiológico da população idosa do Distrito Estadual de Fernando de Noronha (DEFN, PE, e uma leitura crítica analisando o IDH, a prevalência de déficit cognitivo, as taxas de envelhecimento e as condições de vida encontradas na ilha reforçam o tom de invisibilidade e negligência das demandas sociais do segmento mais velho da população no conteúdo das políticas públicas do país. Palavras-chave: processo de envelhecimento; desigualdade social; saúde do idoso.

  15. Ocorrência de dor lombar e fatores associados em crianças e adolescentes de uma escola privada do sul do Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Adriana Torres de Lemos

    2013-11-01

    Full Text Available Estudos têm demonstrado que indivíduos que apresentam dor lombar na infância e adolescência são acometidos também na vida adulta, reforçando a importância de que as causas sejam investigadas desde a idade escolar. Avaliou-se a ocorrência de dor lombar e fatores associados em 770 escolares de 7 a 17 anos de idade de uma escola privada de Porto Alegre, Rio Grande do Sul, Brasil. A dor lombar foi definida como dor ou desconforto na região lombar no último mês e avaliada por meio de questionário. A ocorrência de dor lombar foi de 31,6%, sendo mais prevalente no sexo feminino (41,9% do que no masculino (21,4%. Os fatores associados à dor lombar foram sexo feminino, idade de 9 a 17 anos e os aspectos psicossociais hiperatividade (categorias limítrofe e anormal e sintomas emocionais (categoria anormal. O mapeamento da ocorrência de dor lombar, bem como a investigação de seus fatores associados é de fundamental importância para a identificação de crianças e adolescentes em risco e para o desenvolvimento de programas eficazes de prevenção primária.

  16. Uso de drogas psicotrópicas por estudantes: prevalência e fatores sociais associados Use of psychotropics drugs among students: prevalence and associated social factors

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Meire Soldera

    2004-04-01

    Full Text Available OBJETIVO: Determinar a prevalência do uso pesado de drogas por estudantes de primeiro e segundo graus em uma amostra de escolas públicas e particulares, e identificar fatores demográficos, psicológicos e socioculturais associados. MÉTODOS: Trata-se de um estudo transversal com uma técnica de amostragem do tipo intencional comparando-se escolas públicas de áreas periféricas e centrais e escolas particulares. Foi utilizado um questionário anônimo de autopreenchimento. A amostra foi constituída por 2.287 estudantes de primeiro e segundo graus da cidade de Campinas, SP, no ano de 1998. Considerou-se uso pesado, o uso de drogas em 20 dias ou mais nos 30 dias que antecederam a pesquisa. Para análise estatística, utilizou-se a análise de regressão logística politômica - modelo logito, visando identificar fatores que influenciem este modo de usar drogas. RESULTADOS: O uso pesado de drogas lícitas e ilícitas foi de: álcool (11,9%, tabaco (11,7%, maconha (4,4%, solventes (1,8%, cocaína (1,4%, medicamentos (1,1%, ecstasy (0,7%. O uso pesado foi maior entre os estudantes da escola pública central, do período noturno, que trabalhavam, pertencentes aos níveis socioeconômicos A e B, e cuja educação religiosa na infância foi pouco intensa. CONCLUSÕES: Maior disponibilidade de dinheiro e padrões específicos de socialização foram identificados como fatores associados ao uso pesado de drogas em estudantes.OBJECTIVE: To determine the prevalence of the heavy use of drugs among elementary and high school students in a sample of public and private schools, and to identify associated demographic, psychological, cultural and social factors. METHODS: This report describes a cross-sectional study using an intention-type sampling technique that compared public schools in central and peripheral areas and private schools. An anonymous self-administered questionnaire was applied. The sample consisted of 2,287 elementary and high school

  17. Programas sociais no Brasil: um estudo sobre o programa bolsa família no interior do nordeste brasileiro

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Clóvis Roberto Zimmermann

    Full Text Available O Programa Bolsa Família continua sendo motivo de divergências no Brasil, seja por suas premissas, seja no que tange à diminuição da pobreza, o valor do benefício, a exigência das condicionalidades, os erros de inclusão, o beneficiamento político, as “portas de saída”, dentre outros. Em virtude disso, o presente artigo se propõe a estudar o Bolsa Família em nível local, pautado na percepção dos beneficiários. Ao final, são discutidos os resultados da pesquisa, indicando a necessidade de maior investimento na qualidade da educação e da saúde pública brasileira. O estudo também sugere que talvez seja o momento de repensar as condicionalidades. Ao invés de controlar os beneficiários, os governos deveriam melhorar a qualidade da saúde e da educação, bem como articular programas complementares, especialmente os de acesso ao trabalho.

  18. Prevalência e fatores associados à violência entre parceiros íntimos: um estudo de base populacional em Lages, Santa Catarina, Brasil, 2007

    OpenAIRE

    2009-01-01

    Estimou-se a prevalência da violência entre parceiros íntimos e os fatores associados em Lages, Santa Catarina, Brasil. Realizou-se um estudo transversal de base populacional domiciliar com mulheres de 20-59 anos (n = 1.042), da zona urbana. As prevalências de agressão verbal, violência física menor e violência física grave foram estimadas pelo questionário Conflict Tactics Scales - Form R. Questões sobre aspectos sócio-econômicos e demográficos foram investigadas. As associações foram testad...

  19. Pediculus capitis infestation according to sex and social factors in Argentina Infestação por Pediculus capitis segundo sexo e fatores sociais na Argentina

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Silvia Catalá

    2005-06-01

    Full Text Available OBJECTIVE: To determine the intensity of Pediculus capitis infestation (abundance among Argentinean schoolchildren. Children's sex and social stratum were analyzed as modifiers of the general prevalence and degree of parasitism. METHODS: The study included 1,370 schoolchildren (692 girls, 678 boys from 26 schools of the province of La Rioja (21 public schools, five private schools. Classic prevalence was obtained as the percentage of children with nits and/or lice. Moreover, five degrees of parasitism were classified: 0 children with no signs of pediculosis; 0+ children with evidence of past infestation; 1 children with a recent infestation and low probability of active parasitism; 2 children with a recent infestation and high probability of active parasitism; 3 children with mobile lice (active pediculosis. RESULTS: The general prevalence was 61.4% (girls: 79%; boys: 44%, pOBJETIVO: Determinar a intensidade de infestação (abundância de Pediculus capitis em crianças argentinas em idade escolar. Analisar se sexo e classe social das crianças são fatores influentes na prevalência e grau de parasitismo. MÉTODOS: Foram examinados 1.370 alunos (692 meninas e 678 meninos, de 26 escolas (21 públicas e cinco particulares da província de La Rioja, Argentina. A prevalência foi obtida pela percentagem de crianças com lêndeas e/ou piolhos. O parasitismo foi classificado em cinco graus: 0 crianças sem sinal de pediculose; 0+ com sinal de infestação curada; 1 infestação recente, mas baixa probabilidade de parasitismo ativo; 2 com infestação e alta probabilidade de parasitismo; 3 com piolhos móveis (pediculose ativa. RESULTADOS: A prevalência geral foi de 61,4% (79% em meninas e 44% em meninos, p<0,001. Crianças de escolas particulares apresentaram menor prevalência que as de escolas públicas (p=0,02, especialmente devido à baixa prevalência em meninos. Metade das crianças foram classificadas nas classes 0 e 0+; 22% na classe 1; e 28

  20. Principais fatores associados à ocorrência de acidentes de trânsito na BR 163, Mato Grosso, Brasil, 2004 Main factors associated with motor vehicle accidents on Federal Highway 163, Mato Grosso State, Brazil, 2004

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Lívia Victório de Carvalho Almeida

    2009-02-01

    Full Text Available O transporte é essencial para o desenvolvimento econômico de Mato Grosso, Brasil, sendo a BR 163 a principal rodovia de escoamento da produção agropecuária da região. Uma das conseqüências desta atividade é a ocorrência de acidentes de trânsito. Com o objetivo de analisar e categorizar os principais fatores associados à ocorrência de acidentes nesta rodovia, foram utilizados dados da Superintendência de Polícia Rodoviária Federal referentes ao ano de 2004. Nos resultados, destacaram-se como fatores associados à maior chance de ocorrência de acidentes com vítimas (com significância estatística: a condição de rolamento regular (OR = 1,89; IC: 1,32-2,70; os acidentes do tipo colisão frontal (OR = 14,14; IC: 8,96-22,32 e atropelamento de pedestre (OR = 35,95; IC: 8,10-159,52; e os fatores contribuintes defeito na via (OR = 4,35; IC: 1,94-9,75 e desobediência à sinalização (OR = 5,69; IC: 2,01-16,12. Conclui-se que para reduzir o problema dos acidentes nesta rodovia é preciso estabelecer medidas de intervenção de caráter global, não focalizando ações somente na modificação do comportamento do condutor e na fiscalização, mas considerando questões regionais e suas dimensões econômicas, sociais e culturais.Transportation is essential to the economic development of Mato Grosso State, Brazil, and Federal Highway 163 is the main route for marketing regional agricultural produce. One unfortunate consequence of this activity is the occurrence of motor vehicle accidents. With the aim of analyzing and categorizing the main factors associated with motor vehicle accidents on this highway, the current study used data from the Mato Grosso State Division of the Brazilian Federal Highway Patrol for the year 2004. Factors significantly associated with accidents involving casualties were: substandard paving (OR = 1.89; CI: 1.32-2.70; front-end collisions (OR = 14.14; CI: 8.96-22.32; and running over pedestrians (OR = 35.95; CI

  1. Participação Social no Brasil Diante da Desestruturação das Políticas Sociais novas configurações da sociedade civil organizada como alternativa para recompor os laços sociais e a civilidade nas relações societárias

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Samira Kauchakje

    2002-01-01

    Full Text Available No Brasil, os movimentos sociais pela redemocratização recente e a Constituição Federal de 1988 possibilitaram o fortalecimento de novos atores sociais tais como os Conselhos Gestores, as experiências de Orçamento Participativo na gestão da cidade, os Fóruns temáticos e as Organizações não Governamentais. Estes atores, além dos movimentos sociais étnicos, de gênero, ligados ao meio ambiente, de trabalhadores e os populares, por exemplo, têm inaugurado novos formatos de participação social e possibilitado a construção e ocupação do espaço público em que as demandas por justiça social ganham legitimidade. Historicamente, na sociedade brasileira, a relação entre Estado e sociedade civil não está mediada - ou é mediada de forma muito insuficiente - por políticas públicas e pelos direitos decorrentes (ausência de mediação aprofundada pelo processo de mundialização neoliberal em curso. Isto tem provocado a sobreposição e o agravamento da subalternidade e exclusão sociais tanto de viés econômico e de classe social quanto de viés sócio-cultural. Mas, num movimento contraditório, tem trazido, também, a possibilidade de que as novas configurações da participação social se apresentem como alternativas para (re construção de identidades elaços sociais. Procuramos argumentar, portanto, que, numa sociedade com as características históricas da brasileira, a ocupação e participação nos espaços públicos e nas instituições sociais são alternativas para a (re construção de laços sociais e identitáriosna perspectiva da cidadania e da civilidade nas relações societárias.

  2. Depression during pregnancy: prevalence and risk factors among women attending a public health clinic in Rio de Janeiro, Brazil Depressão durante a gravidez: prevalência e fatores de risco em mulheres atendidas em uma unidade básica de saúde na cidade do Rio de Janeiro, Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Priscila Krauss Pereira

    2009-12-01

    Full Text Available Depression is the most prevalent psychiatric disorder during pregnancy and is associated with psychosocial and clinical obstetric factors. Despite being an important public health issue, there are few studies about this issue in Brazil. A cross-sectional study was carried out, involving 331 pregnant women attending a public primary health service over a one-year period in Rio de Janeiro city, Brazil. Participants were interviewed about their socio-demographic status, obstetric/medical conditions, life events and violence during pregnancy. Depression was assessed using the Composite International Development Interview. The prevalence of depression during pregnancy was 14.2% (95%CI: 10.7-18.5 and associated factors included: previous history of depression and any psychiatric treatment, unplanned pregnancy, serious physical illness and casual jobs. These data emphasize the need for screening for depression and its risk factors during pregnancy in settings where care is available. Psychosocial interventions and social policies need to be devised for this population.A depressão é o transtorno mental de maior prevalência durante a gravidez e está associada a fatores psicossociais e clínicos/obstétricos. Apesar de ser uma importante questão de Saúde Pública, há poucos estudos sobre o tema no Brasil. Trata-se de um estudo seccional com 331 gestantes atendidas durante o período de um ano na cidade do Rio de Janeiro, Brasil. As participantes foram entrevistadas sobre características sócio-demográficas, condições médicas/obstétricas, eventos estressantes e violência durante a gravidez. A depressão foi avaliada através do Composite International Diagnostic Interview (CIDI. A prevalência da depressão na gravidez foi 14,2% (IC95%: 10,7-18,5, sendo os fatores associados: história anterior de depressão e de tratamento psiquiátrico, gravidez não-planejada, problema físico grave e trabalho informal. Os resultados reforçam a

  3. Combinação de fatores de risco relacionados à síndrome metabólica em militares da Marinha do Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Filipe Ferreira da Costa

    2011-12-01

    Full Text Available FUNDAMENTO: As doenças cardiovasculares representam a principal causa de morte na população, e a síndrome metabólica (SM é uma condição clínica significativamente associada ao aumento da morbimortalidade. OBJETIVO: Descrever o padrão de combinação dos fatores de risco relacionados ao diagnóstico de SM em militares da Marinha do Brasil e identificar eventuais variáveis associadas à presença da referida síndrome nessa população. MÉTODOS: Estudo transversal envolvendo 1.383 homens (18-62 anos lotados nas organizações militares da Grande Natal-RN. O critério utilizado para diagnóstico de SM foi o proposto pela International Diabetes Association. A razão entre a prevalência observada e a esperada e os respectivos intervalos de confiança foram utilizados para identificar as combinações de fatores de risco que excediam o esperado para a população. A análise de regressão logística foi utilizada para identificar variáveis associadas à SM. RESULTADOS: A prevalência de SM foi de 17,6%. Aproximadamente um terço dos militares apresentou dois ou mais fatores de risco para SM. Todas as combinações específicas dos fatores de risco para SM que excederam a prevalência esperada apresentaram a obesidade abdominal como um de seus componentes. Nas análises ajustadas, idade, tabagismo e nível de atividade física mantiveram-se associados à SM. CONCLUSÃO: Nossos achados reforçam a constante presença da obesidade abdominal no fenótipo da SM. Além disso, nossos dados também suportam a ideia de que idade, tabagismo e baixo nível de atividade física são variáveis independentes para a ocorrência de SM.

  4. Fatores associados ao câncer de boca: um estudo de caso-controle em uma população do Nordeste do Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Jarielle Oliveira Mascarenhas Andrade

    2015-12-01

    Full Text Available RESUMO: Objetivo: Esta pesquisa objetivou conhecer a associação entre fatores como: idade, sexo, cor da pele, ocupação, nível de escolaridade, situação conjugal, local de residência, tabagismo, etilismo e o câncer de boca em indivíduos de uma cidade do Nordeste do Brasil entre 2002 e 2012. Métodos: Este estudo é do tipo caso-controle. O grupo caso foi formado por 127 pessoas atendidas no Centro de Referência de Lesões Bucais com diagnóstico histopatológico de carcinoma de células escamosas (CCE de boca. O grupo controle foi composto por 254 indivíduos desse mesmo centro. Consideraram-se dois controles para cada caso. Casos e controles foram ajustados por sexo e idade. Foram realizadas as análises univariada e bivariada (teste do χ2 de Pearson para verificar a associação entre a variável dependente (câncer de boca e as variáveis independentes; foram calculados a odds ratio (OR e o intervalo de confiança de 95% (IC95%. Por fim, na análise multivariada, foi utilizado o modelo hierarquizado com regressão logística para avaliar as inter-relações entre as variáveis independentes e o câncer de boca. Resultados: O consumo de mais de 20 cigarros por dia [OR = 6,64; IC95% 2,07 - 21,32; p ≤ 0,001], a alta ingestão de bebida alcoólica [OR = 3,25; IC95% 1,03 - 10,22; p ≤ 0,044] e o consumo sinérgico de tabaco e álcool [OR = 9,65; IC95% 1,57 - 59,08; p ≤ 0,014] são os fatores de risco mais importantes para o câncer bucal. Conclusão: Concluiu-se que tabagismo e etilismo são os fatores mais importantes para o desenvolvimento do câncer bucal. Fatores sociodemográficos não apresentaram associação com essa neoplasia após ajuste para tabagismo e etilismo.

  5. Fatores determinantes da estrutura de capital das maiores empresas que atuam no Brasil Determinant factors of capital structure for the largest companies active in Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Giovani Antonio Silva Brito

    2007-04-01

    Full Text Available Estrutura de capital é um tema ainda controverso em teoria de finanças. Desde a discussão entre a teoria tradicional, que defende a existência de uma estrutura de capital ótima que leva à maximização do valor da empresa, e a proposta por Modigliani e Miller (1958, que considera que o valor da empresa não é afetado pela forma como ela é financiada, diversos estudos empíricos têm sido realizados com o objetivo de identificar os fatores que explicam a forma como as empresas se financiam. Esta pesquisa analisa a estrutura de capital das maiores empresas que atuam no Brasil, investigando a relação entre o nível de endividamento e os fatores apontados pela teoria como seu determinante. O estudo é baseado em dados contábeis extraídos das demonstrações financeiras de empresas de capital aberto e de empresas de capital fechado. A técnica estatística utilizada no estudo é a regressão linear múltipla. Os resultados indicam que os fatores risco, tamanho, composição dos ativos e crescimento são determinantes da estrutura de capital das empresas, enquanto que o fator rentabilidade não é determinante. Os resultados, também, mostram que o nível de endividamento da empresa não é afetado pelo fato de ela ser de capital aberto ou de capital fechado.Capital structure is still a still controversial issue in finance theory. Since the discussion between traditional theory, which asserts the existence of an optimal capital structure that maximizes the firm’s value, and Modigliani and Miller’s theory (1958, which considers that the value of a firm is unaffected by how it is financed, many empirical studies have been carried out to identify the factors that explain how a firm finances itself. This research analyses the capital structure of the largest firms in Brazil and investigates the relationship between the leverage ratio and the factors indicated by theory as determinant. The study is based on accounting data extracted from

  6. Factores sociales para el uso de alcohol en adolescentes y jóvenes Fatores sociais para o uso de álcool em adolescentes e jovens Social risk factors for alcohol use among adolescents and youth

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Laura Débora Acosta

    2011-06-01

    Full Text Available Esta investigación analiza factores sociales de riesgo y de protección para el consumo excesivo de alcohol a partir de los datos de la Encuesta Nacional sobre prevalencias de consumo de sustancias psicoactivas, en 2008, en la población de jóvenes argentinos de 16 a 24 años. Se realizó análisis bivariado y multivariado. Se observó como factores de riesgo: la edad de inicio (el menor edad tiene mayor riesgo, la región Pampeana, Noroeste y Noreste, el género masculino y el provenir de hogares con necesidades básicas insatisfechas. Entre los factores protectores identifica: inactividad, no haber tenido posibilidad de probar drogas ilícitas, no sentir deseos de probar drogas ilícitas, y no haber consumido: tabaco, tranquilizantes, cocaína y pasta base - alguna vez en la vida. Los resultados aportan información útil para la formulación de programas preventivos para la población adolescente y joven.Este estudo analisa os fatores sociais de risco e proteção para o uso excessivo de álcool, a partir dos dados da "Pesquisa nacional sobre a prevalência do uso de substâncias psicoativas, em 2008", na população de jovens argentinos, de 16 a 24 anos. A análise bivariada e análise multivariada foram utilizadas. Observou-se, como fatores de risco para a idade de início (quanto mais jovem, maior o risco, a região dos Pampas, Noroeste e Nordeste, o sexo masculino, provenientes de famílias com necessidades básicas insatisfeitas e idade de início. Entre os fatores de proteção encontram-se a ociosidade, não ter oportunidade de experimentar drogas ilícitas, não se sentir tentado a experimentar drogas ilícitas e não ter usado o tabaco, ou tranquilizantes, ou cocaína, ou base de cocaína, uma vez na vida. Os resultados fornecem informações úteis para o desenvolvimento de programas de prevenção na população adolescente e jovens.This study examines the social risk and protection factors for excessive alcohol use, based on the

  7. Retardo do crescimento e condições sociais em escolares de Osasco, São Paulo, Brasil Linear growth retardation and social factors among schoolchildren from the city of Osasco, São Paulo, Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Doris Lucia Martini Lei

    1997-04-01

    Full Text Available Este trabalho teve por objetivo identificar a associação existente entre classe social e retardo do crescimento físico, ocorrido nos primeiros anos de vida. Com base em um censo de estatura, envolvendo alunos ingressantes em todas as escolas (públicas e particulares do Município de Osasco, região metropolitana de São Paulo, Brasil, realizado no início do ano letivo de 1989, foram selecionados casos e controles para a investigação retrospectiva dos determinantes sociais do retardo do crescimento. Os casos, totalizando 125 ingressantes de sete a oito anos de idade, foram caracterizados pelo índice altura/idade inferior a -2 escores Z da população de referência do NHCS/OMS. Os controles, totalizando 139 ingressantes da mesma idade, foram caracterizados pelo índice altura/idade superior a -1 escore Z. Escolaridade do chefe da casa e da mãe, renda familiar per capita, condições de habitação e saneamento, ou seja, variáveis que devem mediar a relação entre classe social e déficit de estatura, foram fatores que se associaram significativamente com o risco de retardo do cresimento. Quanto à inserção da família no processo social de produção, avaliada através da classe social do chefe, as crianças do subproletariado apresentaram uma chance sete vezes maior de retardo do crescimento quando comparadas com as dos grupos da pequena burguesia, refletindo os efeitos biológicos da recessão econômica dos anos 80.Cases and controls were selected for this retrospective investigation of the social determinants of growth retardation, from a Height Census carried out in the 1989 school year,involving children attending the first grade of all public and private schools in Osasco (in the Greater Metropolitan Area of São Paulo, Brazil. The cases, totalling 125 children entering school aged 7-8 years old, were characterized by a height-for-age index below -2 z score of the NCHS/WHO reference. The controls, totalling 139 children

  8. Relações entre a Atividade Carbonífera e o Rural em Candiota, RS, Brasil: análises sobre representações sociais em um contexto de dilemas sobre a energia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Viviane Camejo Pereira

    2015-03-01

    Full Text Available A geração de energia termelétrica à base de carvão mineral tem despertado distintas opiniões e significados. O objetivo deste artigo é investigar as representações sociais que grupos e atores sociais no espaço rural compartilham em torno da temática da exploração do carvão mineral no município de Candiota (RS, sul do Brasil. Foi possível identificar algumas representações que compõem a relação entre o rural e o carvão no município. Do ponto de vista teórico e metodológico, optou-se pela Teoria das Representações Sociais, de Serge Moscovici, e pela abordagem estrutural das representações sociais de Jean-Claude Abric. Foram entrevistadas 46 pessoas entre janeiro e março de 2012. A representação central da atividade carbonífera no caso estudado situa-se em torno da ideia de "crescimento econômico", retratando um discurso embasado no universo reificado de alguns setores socioeconômicos e a pressão à inferência sobre grupos. Os entrevistados, em sua maioria, são favoráveis à atividade (53%, enquanto 28% são contrários e 19% não se consideram nem favoráveis nem contrários, variando seus argumentos conforme a posição social. No caso estudado, o grau de dependência em relação à exploração do carvão é instável e dinâmico.

  9. Substituição de fatores produtivos na produção de soja no Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luciane Conte

    2007-06-01

    Full Text Available O objetivo desse trabalho é analisar as inter-relações entre os principais insumos utilizados no processo produtivo da soja e as suas possibilidades de substituição, através dos conceitos das elasticidades-preço da demanda, de Allen e de Morishima. O referencial teórico do estudo é o da teoria da dualidade da função custo e da função de produção. Os dados são provenientes de uma pesquisa de campo realizada nos cinco principais estados produtores do País. Químicos, capital, terra, mão-de-obra e outros custos foram as variáveis analisadas. As elasticidades-preço cruzadas mostraram que há complementaridade entre os fatores mão-de-obra e capital. As elasticidades de substituição parcial de Allen indicaram substituição entre a maior parte dos fatores de produção. Houve uma forte relação de complementaridade entre os fatores capital e mão-de-obra e de substituição entre os fatores químicos e mão-de-obra. Na classificação de Morishima, capital e mão-de-obra são complementares quando o preço de capital varia e substitutos quando varia o preço do fator mão-de-obra.This paper analyzes the substitution relations between the main inputs used in soybean production in Brazil, through the estimates of Allen and Morishima substitution elasticities. The theoretical approach used is the production/cost duality. The data was obtained from field research in the five main production states in the country. Chemicals, capital, land, labor and other costs were the variables under study. The estimated cross-price elasticities pointed to complementary relations between labor and capital. The Allen partial substitution elasticities showed substitution between most of the production factors, but a strong complementarity relation was found between capital and labor. In the Morishima elasticity of substitution concept capital and labor were found to be complements when the price of capital varies and substitutes when the price of

  10. Fatores associados ao abandono do tratamento da tuberculose pulmonar no Maranhão, Brasil, no período de 2001 a 2010

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Pollyanna da Fonseca Silva

    2014-08-01

    Full Text Available Os objetivos foram analisar os fatores associados e determinar a taxa de abandono do tratamento da tuberculose pulmonar no Estado do Maranhão, Brasil, de 2001 a 2010. Realizou-se estudo transversal analítico com dados do Sistema de Informações sobre Agravos de Notificação (SINAN, incluídos 2.850 casos novos com baciloscopia positiva que tiveram como situação de encerramento alta por cura ou abandono. As variáveis em estudo foram a faixa etária, sexo, cor, escolaridade em anos de estudo, exame para HIV, alcoolismo, diabetes, doença mental e outras doenças. Para identificar os fatores associados ao abandono, foi utilizado o modelo de regressão logística. Apresentaram-se associados ao abandono a faixa etária de 20-39 anos (OR = 1,51; IC95%: 1,15-1,97; p = 0,002, a escolaridade, 1-8 anos de estudo (OR = 2,05; IC95%: 1,43-2,95; p < 0,001, analfabetismo (OR = 1,64; IC95%: 1,02-2,65; p = 0,041, alcoolismo (OR = 2,53; IC95%: 1,75-3,67; p < 0,001 e doença mental. Foi observada alta taxa de abandono no estado (9,1%, jovens com baixa escolaridade, usuários de álcool e doentes mentais podem estar contribuindo para este aumento.

  11. Fatores de risco para consultas em pronto-socorro por crianças asmáticas no Sul do Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Chatkin Moema

    2000-01-01

    Full Text Available OBJETIVOS: Traçar um perfil das crianças asmáticas do município de Pelotas, RS, conhecer o manejo da doença e os fatores de risco associados a consultas em pronto-socorro, motivadas por asma. MÉTODOS: Estudo transversal aninhado a um estudo de coorte, realizado na área urbana de Pelotas, cidade de médio porte do Sul do Brasil. Participaram 981 crianças de 4-5 anos, pertencentes à coorte de 1993. RESULTADOS: A prevalência de asma encontrada na amostra estudada foi de 25,4%. A morbidade por asma foi elevada: 31% das crianças asmáticas haviam procurado o pronto-socorro no último ano, 57% tinham consultado médico e 26%, de 1 a 4 anos, foram internadas por asma. Na análise geral, escolaridade e renda familiar baixas associaram-se com consultas em pronto-socorro (RO=4,1 para 0 a 4 anos de escolaridade e RO=6,5 para menos de 1 salário-mínimo. Dormir em quartos com 3 ou mais pessoas também mostrou-se associado (RO=2,2, bem como severidade das crises (RO=2,7, uso de medicamentos para asma no último ano (RO=1,9 e internações por asma (RO=3,0. CONCLUSÕES: A prevalência de asma entre crianças pré-escolares em Pelotas é alta, levando a grande morbidade. Encontraram-se como fatores preditores de consultas em pronto-socorro por asma, após análise multivariada, a baixa escolaridade das mães, severidade das crises e internação por asma.

  12. Fatores associados à não adesão aos antirretrovirais em adultos com AIDS nos seis primeiros meses da terapia em Salvador, Bahia, Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    José Adriano Góes Silva

    2015-06-01

    Full Text Available O controle da replicação viral é essencial na terapia antirretroviral altamente potente (TARV e a adesão ao tratamento é o fundamento para esse controle. Fatores individuais e externos influenciam a adesão aos antirretrovirais (ARV. Estudo transversal para investigar fatores associados à não adesão à TARV, em indivíduos com AIDS em Salvador, Bahia, Brasil, com idade ≥ 13 anos e primeira prescrição em 2009. Dados coletados em prontuários e registros da farmácia. Dos 216 pacientes, 65,3% eram homens; idade média 37,8 ± 9,5 anos, solteiros 67,9%; heterossexuais 64%; > 8 anos de estudo 65,3%, etilistas 61,5% e não relatou tabagismo 75,1% ou uso de drogas 93,7%. Iniciaram a TARV com TCD4+ < 350 células/mm3 94%, 61,8% sintomáticos e 68,4% apresentaram reação adversa ao medicamento. Prevalência de não adesão 25%. Variáveis associadas: maior tempo entre o diagnóstico de infecção pelo HIV e a AIDS (aOR = 3,9, reação adversa ao medicamento (aOR = 2,4, idade menor que 34 anos (aOR = 2,2, menos que 8 anos de estudo (aOR = 2,2 e uso de drogas (aOR = 2,6. A alta taxa de não adesão é um problema importante nos seis primeiros meses da TARV.

  13. Fatores associados ao excesso de peso em adultos usuários de restaurantes populares em Belo Horizonte, Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ísis Eloah Machado

    2014-05-01

    Full Text Available O objetivo deste artigo é avaliar o estado nutricional dos usuários dos restaurantes e refeitório populares de Belo Horizonte e identificar fatores associados ao excesso de peso. Estudo analítico transversal, conduzido em adultos de ambos os sexos, nos restaurantes e refeitório populares de Belo Horizonte. O excesso de peso, variável dependente, foi diagnosticado por meio do índice de massa corporal (IMC > 25 kg/m2 e correlacionado com as variáveis sociodemográficas e nível de atividade física. Os dados foram obtidos por meio da aferição direta do peso e da altura e de questionário semiestruturado. Participaram do estudo 1334 indivíduos, sendo a maioria do sexo masculino. A prevalência de excesso de peso foi de 42,9% entre os homens e 45,8% entre as mulheres. Os fatores positivamente associados ao excesso de peso foram: maior idade para ambos os sexos, possuir parceiro para as mulheres e menor prática de atividade física e classe socioeconômica mais elevada para os homens. A identificação dos fatores associados ao excesso de peso revela a necessidade da implantação de uma programação sistemática e eficaz de educação alimentar e nutricional para a prevenção e a remediação desse agravo, para que os restaurantes populares cumpram seu objetivo.

  14. Fatores de risco comportamentais acumulados para doenças cardiovasculares no sul do Brasil Factores de riesgo conductuales acumulados en enfermedades cardiovasculares en el sur de Brasil Accumulated behavioral risk factors for cardiovascular diseases in Southern Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ludmila Correa Muniz

    2012-06-01

    Full Text Available OBJETIVO: Estimar a prevalência e identificar fatores associados ao acúmulo de comportamentos de risco para doenças cardiovasculares entre adultos. MÉTODOS: Estudo transversal de base populacional com amostra representativa de 2.732 adultos de ambos os sexos de Pelotas, RS, em 2010. Os fatores de risco comportamentais investigados foram: tabagismo; inatividade física no lazer; consumo habitual de gordura aparente da carne; e consumo diário de embutidos, carne vermelha e leite integral. O desfecho do estudo foi o escore de aglomeração de fatores de risco comportamentais, variando de zero a três: nenhum fator de risco comportamental para doenças cardiovasculares ou exposição a 1, 2 ou > 3 fatores de risco comportamentais. Realizou-se regressão logística multinomial para avaliar o efeito ajustado das características individuais sobre o acúmulo de fatores de risco comportamentais, tendo como categoria de referência indivíduos sem qualquer dos fatores. RESULTADOS: A inatividade física foi o fator de risco mais prevalente (75,6%, seguido do consumo habitual de gordura aparente da carne (52,3%. Dois terços da população apresentaram dois ou mais fatores de risco comportamentais. A combinação de inatividade física e consumo habitual de gordura aparente da carne ocorreu em 17,5% da amostra; e inatividade física, consumo habitual de gordura aparente da carne e tabagismo, em 6,7%. Os odds ratios de acúmulo de dois ou mais fatores foram maiores entre homens e associaram-se inversamente com o indicador econômico nacional. CONCLUSÕES: O acúmulo de fatores de risco comportamentais para doenças cardiovasculares é elevado na população estudada. São necessárias intervenções públicas capazes de prevenir a ocorrência simultânea desses fatores.OBJETIVO: Estimar la prevalencia e identificar factores asociados con la acumulación de conductas de riesgo en enfermedades cardiovasculares entre adultos. MÉTODOS: Estudio transversal

  15. Consumo de frutas, legumes e verduras na Região Centro-Oeste do Brasil: prevalência e fatores associados

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Thaís Fernanda Damiani

    Full Text Available Resumo Estudo transversal, baseado em dados do sistema de monitoramento por inquérito telefônico – VIGITEL, com o objetivo de estimar a prevalência e os fatores associados ao consumo recomendado de frutas, legumes e verduras (FLV em 6696 indivíduos com idade ≥ 18 anos, de ambos os sexos, residentes na Região Centro-Oeste do Brasil, em 2012. O consumo recomendado foi a variável dependente e variáveis sociodemográficas, comportamentais e relacionadas à saúde foram as independentes. A prevalência do consumo recomendado de FLV foi de 26,3%, sendo maior entre as mulheres (RPaj = 1,44; IC95% = 1,29–1,62. A regressão de Poisson entre o desfecho e as variáveis independentes mostrou maior prevalência do consumo recomendado entre as mulheres residentes no Distrito Federal, casadas e que consideravam seu estado de saúde como bom/muito bom. Em ambos os sexos, observou-se associação direta do desfecho com a escolaridade, idade e prática de atividade física e associação inversa com o consumo de alimentos não saudáveis. Devido à baixa prevalência do consumo recomendado de FLV na população da Região Centro-Oeste do Brasil no ano de 2012, propõe-se que as estratégias de intervenção para melhorar o consumo desses alimentos sejam feitas de forma globalizada.

  16. Fatores críticos na transferência de tecnologia no setor espacial: estudo de caso de programas de parceria das agências espaciais do Brasil (AEB e dos EUA (NASA Critical factors in technology transfer in the space sector: a case study of the partnership programs between the space agencies from Brazil (‘AEB’ and the USA (‘NASA’

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Roberto Roma de Vasconcellos

    2012-12-01

    Full Text Available A pesquisa objetivou identificar os fatores críticos entre atores sociais no processo de transferência de tecnologia (TT no setor espacial, a partir de estudos de cinco projetos de parceria do Programa Uniespaço da Agência Espacial Brasileira (AEB e do Programa de Parceria Inovativa (PPI da NASA. Foram identificados o arranjo organizacional e os fatores que fomentaram a TT entre os atores do sistema setorial de inovação e produção espacial do Brasil e dos EUA. A metodologia de pesquisa foi o estudo de caso múltiplo envolvendo três instituições de ensino superior e quatro institutos de pesquisa & desenvolvimento (P&D, como geradoras de tecnologia, e o Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE e o Instituto de Aeronática e Espaço (IAE, como usuários. Os resultados principais foram dois modelos conceituais: o primeiro representando a TT entre gerador e usuário em termos das barreiras e facilitadores obtidos na pesquisa e o segundo como resultado da formação de parcerias e do impacto dos demais atores sociais envolvidos no processo de TT.The purpose of this research was to identify the critical factors in technology transfer (TT between social actors in the space sector. Five projects of partnership programs between the Brazilian (‘AEB’ and the American (‘NASA’ space agencies were analyzed. The organizational arrangement and factors that facilitated technology transfer between the actors of the innovation sector system and space production in Brazil and in the USA were identified. The research methodology applied was a multiple case study involving three universities and four R&D institutes - as generators of technology; and the National Institute of Space Research (‘INPE’ and the Aeronautics and Space Institute (‘IAE’ - as users. Two conceptual models were the major results of this study: the first one represents the technology transfer between generator and user in terms of barriers and facilitators obtained

  17. Trabalho rural e fatores de risco associados ao regime de uso de agrotóxicos em Minas Gerais, Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Wagner Soares

    Full Text Available O objetivo deste artigo foi caracterizar o processo do trabalho rural em nove municípios de Minas Gerais, considerando indicadores sócio-demográficos, a estrutura agrária dos estabelecimentos rurais, práticas de trabalho relacionadas ao uso de agrotóxicos e, a intoxicação associada a seu uso. Os dados foram obtidos de uma pesquisa realizada pela Fundação Jorge Duprat Figueiredo, de Segurança e Medicina do Trabalho, que aplicou um questionário a 1.064 trabalhadores rurais, entre os anos de 1991 a 2000. Por meio de uma regressão logística, foram obtidos os fatores de risco associados à intoxicação por agrotóxicos dos grupos organofosforados e carbamatos. Cerca de 50% dos entrevistados se encontravam ao menos moderadamente intoxicados. Os fatores de risco encontrados foram: ter o último contato a menos de duas semanas com agrotóxicos; não usar proteção; ser orientado pelo vendedor; citar organofosforado ou carbamato como agrotóxico principal e trabalhar nos municípios de Teófoli Otoni, Guidoval ou Piraúba. Os resultados apontam para o alto grau de risco de agravos à saúde a que estão sujeitos trabalhadores rurais em contato com agrotóxicos.

  18. Trabalho rural e fatores de risco associados ao regime de uso de agrotóxicos em Minas Gerais, Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Soares Wagner

    2003-01-01

    Full Text Available O objetivo deste artigo foi caracterizar o processo do trabalho rural em nove municípios de Minas Gerais, considerando indicadores sócio-demográficos, a estrutura agrária dos estabelecimentos rurais, práticas de trabalho relacionadas ao uso de agrotóxicos e, a intoxicação associada a seu uso. Os dados foram obtidos de uma pesquisa realizada pela Fundação Jorge Duprat Figueiredo, de Segurança e Medicina do Trabalho, que aplicou um questionário a 1.064 trabalhadores rurais, entre os anos de 1991 a 2000. Por meio de uma regressão logística, foram obtidos os fatores de risco associados à intoxicação por agrotóxicos dos grupos organofosforados e carbamatos. Cerca de 50% dos entrevistados se encontravam ao menos moderadamente intoxicados. Os fatores de risco encontrados foram: ter o último contato a menos de duas semanas com agrotóxicos; não usar proteção; ser orientado pelo vendedor; citar organofosforado ou carbamato como agrotóxico principal e trabalhar nos municípios de Teófoli Otoni, Guidoval ou Piraúba. Os resultados apontam para o alto grau de risco de agravos à saúde a que estão sujeitos trabalhadores rurais em contato com agrotóxicos.

  19. Maternidade na adolescência: indicadores emocionais negativos e fatores associados em mães de 14 a 16 anos em Porto Alegre, RS, Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Micheli Scolari Rossetto

    2014-10-01

    Full Text Available Verificou-se a prevalência de indicadores emocionais negativos e fatores associados em 430 mães adolescentes de 14 a 16 anos de Porto Alegre, RS. Foram estudadas variáveis sociodemográficas, relações sociais e familiares, aspectos reprodutivos, abuso e violência. As razões de prevalência (RP foram obtidas por regressão de Poisson mediante análise hierarquizada. A prevalência de sofrimento psíquico intenso foi 32,6%, estando associado à baixa classe social, à não repetência escolar, ao relacionamento ruim com a mãe, à não aceitação da gestação pelo parceiro e à falta de apoio da família frente à gestação. A prevalência de autovalorização negativa foi 15,4%, permanecendo associada ao relacionamento ruim com a mãe e a não possuir uma pessoa confidente. Pouca ou nenhuma expectativa em relação ao futuro foi encontrada em 7,5% das adolescentes, estando associada à repetência escolar, à criação pela mãe biológica, à idade precoce da primeira relação sexual e à ocorrência de abuso físico. A alta prevalência de sofrimento psíquico, encontrada nas mães adolescentes, merece atenção especial das políticas públicas de saúde para a inclusão de profissionais habilitados ao manejo dos aspectos emocionais no atendimento da maternidade precoce.

  20. Fatores associados ao aleitamento materno em dois municipios com baixo indice de desenvolvimento humano no Nordeste do Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Mirella Gondim Ozias Aquino de Oliveira

    2013-03-01

    Full Text Available OBJETIVOS: Determinar a duração do aleitamento materno e verificar os fatores associados ao aleitamento exclusivo/predominante (AMEP, em crianças menores de dois anos de idade. MÉTODOS: Estudo transversal realizado nos municípios de Gameleira, situado na Zona da Mata Sul do Estado de Pernambuco e em São João do Tigre, pertencente à Zona Semi-Árida do Estado da Paraíba, no período de março a junho de 2005. A amostra foi composta por 504 crianças menores de dois anos (280 residentes em Gameleira e 224 em São João do Tigre. Utilizou-se a análise de sobrevida para estimar a mediana do aleitamento materno e das associações com a condição socioeconômica, com fatores relacionados às mães e crianças e assistência à saúde. RESULTADOS: As durações medianas do tempo de sobrevida do aleitamento materno exclusivo, exclusivo/predominante e aleitamento materno foram de 19, 79 e 179 dias em Gameleira e de 23, 91, e 169 dias em São João do Tigre, respectivamente. Mães com melhores condições socioeconômicas, representadas pela escolaridade, saneamento básico e posse de bens de consumo apresentaram maior duração do aleitamento exclusivo/predominante em ambos os municípios. Assistência pré-natal representada pelo maior número de consultas, início mais precoce e com orientação referente à alimentação e ao aleitamento materno influenciaram positivamente na duração do aleitamento exclusivo/predominante. CONCLUSÕES: A duração do aleitamento esteve aquém da recomendada. Apesar das precárias condições de vida das famílias, uma melhor condição socioeconômica e assistência ao pré-natal foram fatores protetores na duração do aleitamento exclusivo/predominante nessas áreas.

  1. Padrões de consumo de alimentos e fatores associados em adultos de Ribeirão Preto, São Paulo, Brasil: Projeto OBEDIARP

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Suely Godoy Agostinho Gimeno

    2011-03-01

    Full Text Available O objetivo deste estudo foi descrever e identificar fatores associados aos padrões de consumo de alimentos de residentes no Município de Ribeirão Preto, São Paulo, Brasil. Trata-se de estudo transversal realizado entre sujeitos de ambos os sexos e com idade > 30 anos (n = 930; n ponderado = 2.197. Empregou-se a análise fatorial na identificação dos padrões de consumo obtidos por questionário semiquantitativo. Identificaram-se quatro padrões: (a obesogênico: mais frequente entre os mais ativos, com maior escolaridade e idade < 40 anos; (b saudável: mais frequente entre mulheres, naqueles sem excesso de peso, mais velhos, com obesidade central, mais ativos e com melhor condição socioeconômica; (c misto: mais prevalente entre os sem excesso de peso, entre mulheres e entre os mais jovens; (d popular: mais frequente entre os sem hipercolesterolemia e com menor renda familiar. Esses resultados evidenciam a necessidade de estimular a ingestão de alimentos saudáveis de forma a prevenir o aparecimento de doenças crônicas.

  2. Prevalência e fatores associados ao excesso de peso em adultos do Brasil: um estudo de base populacional em todo território nacional

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Vladimir Schuindt da Silva

    2012-09-01

    Full Text Available Avaliou-se a prevalência e fatores associados ao excesso de peso (IMC > 25kg/m ² em adultos (81.745 do Brasil. Realizou-se regressão de Poisson, bruta e ajustada. Os resultados mostraram maiores prevalências de excesso de peso em adultos de 50 a 59 anos (RP=1,21, IC95%: 1,20;1,22, do sexo masculino (RP=1,01, IC95%: 1,01;1,02, da cor-raça negra (RP=1,01, IC95%: 1,00;1,02, nível de escolaridade médio (RP=1,02, IC95%: 1,01;1,02, renda alta (RP=1,09, IC95%: 1,08;1,10 e da Região Sul (RP=1,02, IC95%: 1,01;1,02. Os resultados apontam para a necessidade de ações estratégicas que levem em conta as prevalências de excesso de peso verificadas nos diferentes estratos da população brasileira.

  3. Compulsão alimentar e fatores associados em adolescentes de Cuiabá, Mato Grosso, Brasil

    OpenAIRE

    2010-01-01

    O episódio de compulsão alimentar é caracterizado pela ingestão de grande quantidade de alimentos em tempo delimitado acompanhada de perda de controle sobre o que/quanto se come. O estudo objetivou estimar a prevalência e os fatores associados aos episódios de compulsão alimentar. Estudo transversal com 1.209 adolescentes de 14 a 19 anos. Para o diagnóstico dos episódios de compulsão alimentar utilizou-se o Questionário sobre Padrões de Alimentação e Peso - Revisado (QEWP-R). Foi realizada an...

  4. Fatores determinantes da qualidade das águas superficiais na bacia do Alto Acaraú, Ceará, Brasil

    OpenAIRE

    Andrade, Eunice Maia de; Araújo,Lúcia de Fátima Pereira; Rosa, Morsyleide de Freitas; Gomes,Raimundo Benvindo; Lobato, Francisco Antonio de Oliveira

    2007-01-01

    Análise Fatorial/Análise da Componente Principal (AF/ACP) foram empregadas com o objetivo de identificar os fatores determinantes (naturais e antrópicos) da qualidade das águas superficiais na bacia do Alto Acaraú, Ceará. Realizaram-se coletas trimestrais, no período de fev/2003 a mar/2004, em seis pontos localizados nas áreas de influência urbana e de drenagem de perímetros irrigados. Foram analisados os parâmetros pH, temperatura, cor, turbidez, nitrato, amônia total, amônia livre, amônia i...

  5. O impacto dos fatores familiares sobre a defasagem idade-série de crianças no Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Danielle Carusi Machado

    2007-12-01

    Full Text Available Analisamos o efeito da renda e da educação dos pais sobre a probabilidade de as crianças terem defasagem idade-série usando a PNAD 1996. Com a adoção de hipóteses sobre os vínculos existentes entre gerações, controlamos para a existência de fatores não observados que afetam a formação da renda dos pais e as decisões referentes à escolaridade das crianças (viés de simultaneidade ou que são passados de uma geração à outra (viés de hereditariedade. Usamos três instrumentos: oferta educacional dos pais; fatores familiares entre as gerações de pais e avós; e a mudança educacional de 1971.We study the impacts of family income and parental education on the probability of children's schooling delay using the 1996 PNAD. With the adoption of some hypotheses about the links between generations of children, parents and grandparents, we control for the existence of non observable factors that simultaneously affect the income formation of parents and decisions concerning children schooling (simultaneity bias or that are transmitted from one generation to another (hereditary bias. We work with three instruments: number of schools by the time parents were children; family factor changes across generations (parents/grandparents; and the 1971 change of the educational system.

  6. Baixo consumo de frutas, verduras e legumes: fatores associados em idosos em capital no Centro-Oeste do Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Erika Aparecida Silveira

    2015-12-01

    Full Text Available Resumo O objetivo foi avaliar a prevalência do consumo diário de frutas, verduras e legumes (FVL em idosos e sua associação com fatores sociodemográficos, estilo de vida, presença de morbidades e hospitalização. Esta pesquisa faz parte do Projeto Idosos Goiânia, estudo transversal com amostragem em múltiplos estágios. Foram entrevistados 416 idosos em seus domicílios. Realizou-se análise multivariada por Regressão de Poisson para investigar os fatores associados ao consumo de FVL ao nível de significância de 5%. A prevalência de consumo diário de FVL foi de 16,6%, sendo de frutas 44%, verduras 39,7% e legumes 32,5%. O consumo diário de FVL foi associado a: sexo feminino, idade entre 70 e 79 anos, maior escolaridade, classe social A/B e C, consumo de bebida alcoólica, uso de adoçantes, prática regular de atividade física no lazer, obesidade abdominal e hospitalização. É importante desenvolver estratégias de promoção da alimentação saudável com ênfase na ingestão adequada de FVL na população idosa, tendo em vista seu potencial na prevenção e controle de doenças.

  7. Fatores de risco para morte fetal no município de Pato Branco (Brasil Factores de riesgo para muerte fetal en el municipio de Pato Branco (Brasil Risk factors for fetal death in the city of Pato Branco (Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Letícia de Lima Trindade

    2011-11-01

    Full Text Available Objetivo. Descrever os fatores de risco para mortalidade fetal na cidade de Pato Branco (Brasil. Metodologia. Realizou-se um estudo descritivo, no qual foram analisados os casos de nascidos mortos de 2000 a 2008 na cidade de Pato Branco. A informação foi obtida do Sistema de Informação de Mortalidade. Resultados. Registraram-se 91 mortes fetais no período estudado para uma taxa média de 9.27 por mil nascidos vivos. Os principais fatores de risco de origem maternos foram: placenta prévia (38.5%, hipertensão induzida na gravidez (13.2%, idade de 21 a 30 anos (40.7%, ter três e menos anos de escolaridade (25.7% e a ocupação de dona de casa (34.1%. Para os fetos, o único fator de risco registrado foi o sexo, no que o masculino contribuiu o 52.7% das mortes. Conclusão. Identificaram-se alguns fatores de risco previsíveis que é necessário intervir com o fim de reduzir a mortalidade fetal no município.Objetivo. Describir los factores de riesgo para natimortalidad en la ciudad de Pato Branco (Brasil. Metodología. Se realizó un estudio descriptivo, en el cual fueron analizados los casos de nacidos muertos de 2000 a 2008 en la ciudad de Pato Branco. La información fue obtenida del Sistema de Información de Mortalidad. Resultados. Se registraron 91 muertes fetales en el periodo estudiado para una tasa media de 9.27 por mil nacidos vivos. Los principales factores de riesgo de origen maternos fueron: placenta previa e hipertensión inducida en el embarazo como complicaciones del embarazo (38.5% y 13.2%, edad de 21 a 30 años (40.7%, baja escolaridad (25.7% y como ocupación de ama de casa (34.1%. Para los fetos, el único factor de riesgo registrado fue el sexo: el masculino aportó el 52.7% de las muertes. Conclusión. Se identificaron algunos factores de riesgo prevenibles que merecen intervención con el fin de reducir la natimortalidad en el municipio.Objective. To describe risk factors for fetal mortality in the city of Pato Branco

  8. Fatores motivadores do empreendedorismo e as decisões estratégicas de pequenas empresas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Siomara Elias Vicenzi

    2013-04-01

    Full Text Available DOI: http://dx.doi.org/10.5007/2175-8077.2013v15n35p208 O propósito deste trabalho é compreender os fatores motivadores que influenciaram ações empreendedoras estratégicas de pequenos empresários de uma região fronteiriça do sul do Brasil. A pesquisa é descritiva, de natureza quantitativa, do tipo levantamento e realizada por meio de investigação de campo em 100 atividades empreendedoras, de pequeno porte, da região sul do Brasil. Os resultados demonstram as características pessoais dos empreendedores que mais se destacaram; os fatores motivadores nas decisões de produtos, serviços e mercados; os fatores motivadores na decisão em abrir um negócio; os fatores motivadores na decisão de mudança no negócio, bem como as prováveis relações entre fatores motivadores e as mudanças de produtos e mercados. Os fatores que mais contribuíram na decisão, desde a escolha inicial de seus negócios até as modificações de produtos e mercados foram: conhecimento teórico; conhecimento do setor; experiências dos empreendedores; avanços da tecnologia; e a dinâmica do mercado em termos econômicos e sociais.

  9. Resenha do Livro "A Arte de Governar crianças: a história das políticas sociais, da legislação e da assistência à infância no Brasil"

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Roseli Nazario

    2010-01-01

    Este texto visa apresentar a segunda edição revisada do livro “A arte de governar a infância: a história das políticas sociais, da legislação e da assistência à infância no Brasil” (2009, publicado pela primeira vez no Brasil, no ano de 1995. A primeira edição representou o resultado da articulação entre o Centro Internacional de Estudos e Pesquisas sobre a Infância (CIESPI e a Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-Rio, fruto de uma proposta latino-americana que objetivou “promover estudos comparados sobre políticas sociais voltadas para a infância com um enfoque histórico” (2009, p. 7; proposta esta que possibilitou o encontro entre uma pesquisadora brasileira, a socióloga Irene Rizzini, e o sociólogo chileno Francisco Pilotti, ambos organizadores da obra aqui apresentada.

  10. Redes Sociais da Internet: Estratégia para Divulgação das Potencialidades Turísticas do Piauí/Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Vera Lúcia Lima da Cruz

    2012-06-01

    Full Text Available O avanço nas Novas Tecnologias de Informação e Comunicação – NTICs- tem proporcionado aos diversos setores da economia diferentes caminhos para o estabelecimento de contatos e laços sociais. Entre estes caminhos, destacam-se os recursos disponibilizados na Internet. As Redes Sociais tornaram-se verdadeiros fenômenos de popularidades ao criarem novos espaços para interação entre pessoas e organizações. Entre os setores da economia, o turismo tem usufruído destes recursos em seus diversos ramos de atividade, tais como reserva de hotéis, de passagens, etc e, entre outras, para promover destinos turísticos. Esta pesquisa teve como objetivo analisar a relação Turismo e Redes Sociais como estratégia de divulgação de potencialidades turística do Estado do Piauí, coletados a partir da observação de postagens e respostagens no Orkut e Facebook, de Janeiro de 2010 a Junho de 2011, analisados com abordagem quanti-qualitativa, que possibilitou a identificação de empresas que utilizam as duas Redes Sociais para divulgação de produtos e serviços turísticos no Estado. 

  11. Entre normas jurídicas e normas sociais: os atos homicidas diante dos tribunais na capital da República. Brasil, anos 1950

    National Research Council Canada - National Science Library

    Rivail Carvalho Rolim

    2016-01-01

    ... na resolução dos litígios, bem como demonstrar como as normas sociais impregnavam e interferiam nos julgamentos nos marcos estabelecidos para a pesquisa, qual seja, a sociedade brasileira em meados do século XX...

  12. Notas sobre as políticas sociais no Brasil: a primeira década do século XXI = Notes about social policies in Brazil: the first decade of XXI century

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Mattei, Lauro

    2009-01-01

    Full Text Available O artigo faz uma análise das políticas sociais durante a primeira década do Século XXI, período em que ocorreram alguns avanços, mas também grandes limites para a conformação de um sistema de proteção social universal. Destaca-se que os últimos dez anos foram marcados por modificações nas políticas sociais, porém estas mudanças seguem o caminho da continuidade do período anterior. Isto fez com que essas permanecessem subordinadas às políticas macroeconômicas do país, as quais atuam em perfeita sintonia com a lógica do grande capital. Neste cenário, as políticas sociais atuam apenas para conter os malefícios do capital, não tendo papel mais efetivo no sentido de impor limites a esta lógica perversa. Por isso, concluiu-se que a ampla coesão social que dá suporte ao Governo Lula acaba sendo também um fator limitante das ações das políticas sociais na luta pela efetiva democratização do país. This article analyze the social policy during the first decade of XXI Century, period of time that we can see some progress, but at the same time we see also huge limits to built a global social protection system. The last ten years were marking by changes in the social policies, but these alterations following the way of continuity of the last period. This option let the social policy subordinated to the macroeconomics policies, which one are following the logic of the international capital. In this scenario, the function of social policies is to hold the bad situation promoted by the capitalism system. In this sense, the article concludes that the social coalition that is supporting the Lula‟s Government has been worked like a limit to the social policy in its function to build a democratic system in the country.

  13. Fatores associados ao consumo de dietas ricas em gordura em adultos de uma cidade no sul do Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Airton José Rombaldi

    2014-05-01

    Full Text Available O objetivo deste estudo foi descrever a frequência de consumo de dieta rica em gordura por adultos de 20 a 69 anos de Pelotas, RS, e analisar fatores associados. Foi realizado um estudo transversal de base populacional, incluindo 972 adultos. A frequência do consumo de gordura alimentar no ano anterior à pesquisa foi avaliada pelo questionário de Block, composto por quinze itens alimentares, pontuados de acordo com a frequência de consumo de alimentos com elevados teores de gordura. Cerca de 1/3 da população adulta (32,7% consumia regularmente dieta rica em gordura. Para ambos os sexos, o consumo regular de gordura mostrou-se associado a idades mais jovens e consumo regular de refrigerantes e, somente para homens, aos níveis econômicos A/B. A frequência do consumo regular de alimentos ricos em gordura na população adulta residente no município de Pelotas encontra-se além das recomendações atuais do Ministério da Saúde. Políticas públicas que estimulem uma alimentação saudável são urgentemente necessárias.

  14. Ocorrência de anticorpos e fatores de risco associados à infecção por Leptospira spp. em Cebus spp. mantidos em cativeiro no Nordeste do Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Débora R.A. Ferreira

    2011-11-01

    Full Text Available Estudou-se a ocorrência de anticorpos anti-Leptospira e os fatores de risco associados à infecção em primatas do gênero Cebus mantidos em cativeiro no Nordeste do Brasil. Foram analisadas 139 amostras de soro sanguíneo de diferentes espécies de primatas de ambos os sexos e idades variadas. Para a pesquisa de anticorpos empregou-se a técnica de Soroaglutinação Microscópica (SAM e para estudo dos fatores de risco utilizou-se análise multivariada. Foram observados anticorpos anti-Leptospira, sorovar Patoc em 6,5% dos primatas (09/139. O fator de risco identificado nesse estudo foi a não higienização diária de bebedouros (Odds ratio=12,095; IC 95% = 1,73-84,52; p=0,012,. Conclui-se que a população de Cebus mantidos em cativeiros no Nordeste do Brasil está exposta à infecção por anticorpos anti-Leptospira e que medidas corretivas de manejo dos animais, especificamente aquelas relacionadas à higienização diária de bebedouros devem ser implementadas para reduzir o risco de infecção por sorovares de Leptospira spp.

  15. Fatores associados à qualidade de vida de pacientes incidentes em diálise peritoneal no Brasil (BRAZPD

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fabiane Rossi dos Santos Grincenkov

    2011-03-01

    Full Text Available INTRODUÇÃO: O número de pacientes em diálise peritoneal (DP no Brasil é significativo, havendo maior prevalência de diabéticos e idosos neste grupo do que no grupo em hemodiálise. Esses dados apontam para um viés de seleção nessa população. Objetivo: Avaliar a qualidade de vida (QdV na admissão de pacientes em diálise peritoneal no Brasil. MÉTODOS: Avaliados 6.198 pacientes participantes de um estudo de coorte prospectivo multicêntrico, utilizando-se os dados do BRAZPD. A avaliação da QdV foi realizada segundo o índice de Karnofsky (avaliação da QdV pelo profissional de saúde e segundo o SF-36 (autoavaliação pelo paciente em 1.624 pacientes incidentes. RESULTADOS: Entre os pacientes analisados, 40% eram diabéticos e 47% eram idosos (acima de 60 anos. Os pacientes apresentaram baixos escores de QdV em todos os aspectos do SF-36, sendo o domínio "aspectos físicos" o mais prejudicado. O domínio que apresentou melhor escore foi "aspecto social". Por outro lado, segundo o índice de Karnofsky, a maior parte dos pacientes possuía altos escores de QdV. Idosos e diabéticos apresentaram qualidade de vida inferior quando comparados aos não idosos e não diabéticos através da avaliação pelo SF-36 e pelo Karnofsky. CONCLUSÃO: Na avaliação geral pelo SF-36 observou-se redução da qualidade de vida. A avaliação pelo Karnofsky apresentou melhor performance comparado ao SF-36 na avaliação geral da qualidade de vida, sendo encontrados resultados semelhantes entre os dois instrumentos no que diz respeitos aos subgrupos avaliados, onde os grupos que apresentaram pior QdV foram pacientes diabéticos e idosos em ambas as avaliações.

  16. Consumo de substâncias psicoativas por adolescentes escolares de Ribeirão Preto, SP (Brasil: II - Distribuição do consumo por classes sociais

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Muza Gilson M.

    1997-01-01

    Full Text Available INTRODUÇÃO: Vários estudos epidemiológicos sobre o consumo de substâncias psicoativas têm incluído em suas análises a avaliação da influência do contexto social nos níveis de prevalência desse consumo. Analisa-se a distribuição do consumo dessas substâncias segundo as classes sociais, numa amostra de adolescentes escolares de Ribeirão Preto, SP, Brasil. MATERIAL E MÉTODO: Um questionário auto-aplicável, adaptado e submetido a um teste de confiabilidade, foi aplicado a uma amostra proporcional de 1.025 adolescentes matriculados na oitava série do primeiro grau e primeiro, segundo e terceiro anos do segundo grau, das escolas públicas e privadas da cidade. O questionário continha questões sobre o uso de dez classes de drogas. Utilizou-se a adaptação de um modelo que identifica 5 frações de classe social (burguesias empresarial, gerencial e pequena burguesia, proletariado e subproletariado, a partir de indicadores que situam os indivíduos dentro das relações sociais de produção. RESULTADOS: As três frações da burguesia foram mais representadas que as outras na população de adolescentes escolares do que na população geral. Não houve diferenças na distribuição do consumo de álcool e tabaco pelas classes sociais, embora se observe uma tendência de maior prevalência nos extremos da escala social. Já o consumo de substâncias ilícitas foi maior nas burguesias e menor no proletariado. CONCLUSÕES: Embora o consumo de substâncias lícitas não tenha diferido entre as classes sociais, o maior consumo de substâncias ilícitas pelos mais ricos provavelmente se deveu ao maior custo desses produtos do que o álcool e o tabaco.

  17. Atividade física e fatores associados em adolescentes do ensino médio de Curitiba, Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rogério César Fermino

    2010-12-01

    Full Text Available OBJETIVO: Estimar a prevalência de atividade física e identificar fatores associados em adolescentes. MÉTODOS: Estudo transversal realizado com amostra representativa (n = 1.518, 59,2% do sexo feminino de escolares de 14-18 anos de idade da rede pública de ensino de Curitiba, PR, em 2006. A prática de atividade física foi auto-referida, em número de dias por semana em que realiza atividade de intensidade moderada a vigorosa com duração > 60 minutos. A prática foi analisada em dois modelos distintos. No primeiro, a variável foi dicotomizada em "0 dia" e "> 1 dia"; no segundo, em " 5 dias". As variáveis independentes foram: demográfico-biológicas (sexo, idade, índice de massa corporal; socioeconômicas (escolaridade dos pais, número de carros; comportamentais (horas assistindo TV, horas em frente ao computador; e socioculturais (apoio social da família e dos amigos, e a percepção de barreiras para a prática de atividades testadas em regressão de Poisson. RESULTADOS: No primeiro modelo de análise, a prevalência de atividade física foi de 58,2% (75,1% do sexo masculino e 46,5% do feminino; p < 0,001 e no segundo, de 14,5% (22,3% e 9,1%, respectivamente; p < 0,001. No primeiro modelo, as variáveis associadas à atividade física foram sexo masculino (RP = 1,63, IC95%: 1,48;1,78, apoio social da família (RP = 1,14, IC95%: 1,05;1,23, dos amigos (RP = 1,52, IC95%: 1,31;1,78 e elevada percepção de barreiras (RP = 0,54, IC95%: 0,46;0,62. No segundo modelo, apenas o sexo masculino (RP = 2,45, IC95%: 1,73;3,46 e a baixa percepção de barreiras (RP = 0,24, IC95%: 0,15;0,38 associaram-se à atividade física. CONCLUSÕES: Mais da metade dos adolescentes praticam atividade física em pelo menos um dia da semana, embora 14,5% atinjam as recomendações atuais. Níveis recomendados estão associados a menor número de fatores. Gênero e percepção de barreiras apresentam relação consistente com os níveis de atividade física.

  18. Fatores associados ao uso de medicamentos na gestação em primigestas no Município de Rio Branco, Acre, Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Andréia Moreira de Andrade

    2014-05-01

    Full Text Available Estudo transversal, envolvendo 887 primigestas com o objetivo de analisar os fatores associados ao uso de medicamentos na gestação no Município de Rio Branco, Acre, Brasil. As informações tiveram como base uma entrevista e o cartão de pré-natal. Os medicamentos foram classificados de acordo com o Sistema Anatômico Terapêutico Químico (ATC, da Organização Mundial da Saúde, e com a categoria de risco do Food and Drug Administration (Estados Unidos. A média de idade foi 21 anos, a média do uso de medicamentos foi 2,42; os medicamentos mais consumidos foram os antianêmicos (47,5%, suplementos e vitaminas (18,7%, analgésicos (13,8% e antibióticos (10,5%. Na categorização de risco, 69,3% pertenciam à categoria A; 22,3% à B; 7,6% à C e 0,8% à D. A chance de ter sido exposta à utilização de medicamentos de risco foi maior nas primigestas na unidade B (RC = 2,10; IC95%: 1,26-3,50, na faixa etária de 19 a 24 anos (RC = 2,79; IC95%: 1,58-4,93 e com prescrição médica (RC = 1,86; IC95%: 1,18-2,95. Os medicamentos essenciais foram menos utilizados entre as mulheres com maior renda familiar (RC = 0,63; IC95%: 0,42-0,96, e que realizaram o pré-natal na rede privada (RC = 0,53; IC95%: 0,38-0,74.

  19. Perfil e fatores asssociados ao aleitamentamento materno em crianças menores de 25 meses da Região Nordeste do Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Lima Tarciana Maria de

    2003-01-01

    Full Text Available OBJETIVOS: avaliar o perfil do aleitamento materno em crianças menores de 25 meses de idade na Região Nordeste do Brasil e verificar a associação entre a duração mediana do aleitamento e algumas variáveis demográficas, maternas, de assistência ao parto e culturais. MÉTODOS: estudo transversal. Dados obtidos do banco de dados da Pesquisa Nacional sobre Demografia e Saúde de 1996, do qual foram selecionadas 813 crianças. A freqüência e a duração mediana do aleitamento materno foram estimadas por meio de tábuas de vida. RESULTADOS: a duração mediana do aleitamento materno foi de 199,8 dias. Verificou-se que no primeiro mês de vida 90,4% das crianças estavam mamando. Aos quatro e seis meses, os percentuais foram 64,7% e 54,4%, respectivamente. A duração mediana do aleitamento materno foi maior: nas crianças que residiam em áreas rurais, com o aumento da idade materna, e nas crianças que não utilizaram a mamadeira. CONCLUSÕES: a duração do aleitamento materno ainda se encontra distante do recomendado pela Organização Mundial de Saúde, necessitando, portanto da intensificação das ações de incentivo e apoio ao aleitamento materno. Os fatores que influenciam o aleitamento materno devem ser considerados na operacionalização destas ações.

  20. Padrões alimentares e fatores associados entre crianças de um a seis anos de um município do Sul do Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rosangela de Leon Veleda de Souza

    2013-12-01

    Full Text Available O estudo teve como objetivos descrever padrões alimentares e investigar a associação com fatores demográficos e socioeconômicos entre crianças de um a seis anos na cidade de Pelotas, Rio Grande do Sul, Brasil. Foi utilizada a correlação de Pearson para agrupar os alimentos. Os padrões alimentares foram construídos por meio da análise de componentes principais. As associações foram verificadas usando-se o teste de KruskalWallis (α = 0,05. Foram avaliadas 667 crianças. Identificou-se cinco padrões alimentares: "vegetais", "tradicional" (pão, margarina/margarina, arroz/massa, café, açúcar, "guloseimas e embutidos", "lanches" (laticínios, achocolatados, biscoitos e sucos e "frutas". Os padrões "vegetais" e "frutas"tiveram maior adesão entre as crianças cujas mães tinham maior escolaridade e renda familiar. O padrão "tradicional" foi o mais observado entre crianças cujas mães tinham menor escolaridade e renda familiar. Os padrões "vegetais" e "tradicional" apresentaram o maior percentual de variância. As condições socioeconômicas das famílias exercem um papel fundamental na determinação do padrão alimentar das crianças.

  1. Fatores associados à não realização de exame citopatológico de colo uterino no extremo Sul do Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Juraci A. Cesar

    Full Text Available A identificação precoce do câncer de colo uterino aumenta substancialmente a sua probabilidade de cura. Este estudo mediu a prevalência e identificou alguns fatores associados à não realização de exame citopatológico de colo uterino entre mulheres em idade fértil, no Município de Rio Grande, Rio Grande do Sul, Brasil. Utilizou-se delineamento transversal, de base populacional com amostragem sistemática por conglomerados. Aplicou-se questionário individual, padronizado mediante visita domiciliar, por entrevistadores previamente treinados. Os dados foram analisados por regressão logística obedecendo a modelo hierárquico previamente determinado. Dentre as 1.302 mulheres entrevistadas, 57% nunca se submeteram ao exame citopatológico para detecção de câncer uterino. Mulheres de cor parda ou preta, de menor idade, renda familiar e escolaridade, que estavam vivendo sem companheiros e que tiveram o primeiro parto com 25 anos ou mais de idade foram as que apresentaram as maiores razões de prevalências para a não realização deste tipo de exame. A cobertura para detecção precoce de câncer de colo uterino por meio de exame citopatológico foi muito baixa em Rio Grande. Além disso, mulheres com maior probabilidade de ter esta doença foram as que apresentaram maiores razões de prevalências à sua não realização.

  2. Estado nutricional e fatores associados à estatura de crianças da Terra Indígena Guarita, Sul do Brasil Nutritional status and social determinants of child height in the Guarita Indigenous Territory, Southern Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ivone Andreatta Menegolla

    2006-02-01

    Full Text Available O estado nutricional de crianças menores de cinco anos e fatores associados à estatura foram estudados usando dados de um programa para controle da desnutrição e mortalidade na Terra Indígena Guarita, Rio Grande do Sul, Brasil, 2001/2002. Índices antropométricos foram calculados em escores-z da referência CDC/2000. Na primeira avaliação pelo programa, 34,7%, das crianças apresentavam baixa estatura, 12,9% baixo peso para idade, 4,2% baixo peso para estatura e 8,7% sobrepeso. Baixa estatura foi mais prevalente em meninos e maiores de um ano. Modelos de regressão linear múltipla sugerem que a altura foi, em média, menor quando a água para alimentação era de fonte/poço/rio (p = 0,046, não havia geladeira para conservar alimentos (p = 0,021, a mãe era menor de 16 anos ao nascimento do mais velho entre os filhos menores de cinco anos (p = 0,019 e analfabeta (p = 0,083. O destino dos dejetos evidenciou efeito apenas no modelo bruto. Não houve evidência de efeito do número de filhos menores de cinco anos. Políticas de inclusão social e provisão de recursos sociais e de saúde são potencialmente relevantes para a saúde e nutrição nessa população.The nutritional status of under-five children and the association between social conditions and child stature were examined using data from the program to control malnutrition and mortality in the Guarita Indigenous Territory, southern Brazil, 2001-2002. Anthropometric indices were calculated in z-scores of the CDC 2000 reference. At entrance into the program, 34.7% of the children presented stunting, 12.9% low weight for age, 4.2% wasting, and 8.7% overweight. Stunting was most prevalent among boys and children older than one year. Multivariate linear regression showed that, on average, children were shorter when the drinking water was collected directly in the environment (p = 0.046, there was no refrigerator for food preservation (p = 0.021, maternal age was less than 16 years

  3. Alimentação institucionalizada e suas representações sociais entre moradores de instituições de longa permanência para idosos em São Paulo, Brasil Social representations of eating and nutrition by residents of homes for the elderly in São Paulo, Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Odete Santelle

    2007-12-01

    Full Text Available Foram analisadas representações sociais sobre alimentação entre moradores de instituições de longa permanência para idosos, para identificar condicionantes do comportamento alimentar que podem interferir no estado nutricional destes indivíduos. Realizada pesquisa qualitativa e exploratória em cinco asilos de São Paulo, Brasil. Participaram quarenta idosos de ambos os gêneros, sem distúrbios cognitivos, residentes nas instituições há seis meses ou mais. Foram selecionados vinte sujeitos desnutridos ou em risco de desnutrição e vinte sem risco de desnutrição. Foram utilizadas entrevistas com roteiro semi-estruturado e os dados analisados pela técnica do Discurso do Sujeito Coletivo. Os resultados apontaram que, na percepção dos idosos, a rotina alimentar institucionalizada, os cardápios rotineiros e a oferta insuficiente de hortaliças e frutas interferem negativamente no processo de alimentação. Os idosos reconhecem que a alimentação equilibrada melhora a saúde e a qualidade de vida. Revelam que a inapetência de alguns está relacionada a comidas que não agradam ao paladar, problemas de saúde e à assistência inadequada durante as refeições. Este estudo contribuiu para identificar fatores psicológicos e sociais que podem concorrer para a maior freqüência de desnutrição entre idosos institucionalizados.This study analyzed social representations of institutional eating and nutritional patterns among residents of long-term homes for the elderly, in order to identify conditioning factors for eating behavior that may interfere in their nutritional status. A qualitative exploratory study was performed in five homes for the elderly in São Paulo, Brasil, including 40 elderly participants of both sexes, without cognitive disorders, residing in these institutions for at least six months. The study selected 20 subjects who were undernourished or at risk of malnutrition and 20 without risk of malnutrition. Semi

  4. Fatores de risco para nascimentos pré-termo em Londrina, Paraná, Brasil Risk factors for pre-term birth in Londrina, Paraná State, Brazil

    OpenAIRE

    Ana Maria Rigo Silva; Marcia Furquim de Almeida; Tiemi Matsuo; Darli Antonio Soares

    2009-01-01

    Objetivou-se identificar fatores de risco para nascimentos pré-termo por meio de estudo caso-controle populacional que envolve nascidos vivos hospitalares de mães residentes em Londrina, Paraná, Brasil. Os casos foram os 328 nascimentos pré-termo e os controles, uma amostra proporcional de 369 nascimentos com 37 semanas ou mais. Realizou-se análise de regressão logística múltipla hierarquizada. Verificou-se associação (p < 0,05) para as variáveis: sócio-econômicas - moradia em favela e baixa ...

  5. Fatores determinantes do nível de disclosure voluntário das companhias abertas no Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fernando Dal-Ri Murcia

    2009-01-01

    Full Text Available El objetivo del estudio es identificar los factores que explican el nivel de disclosure voluntario de las compañías abiertas en el Brasil. La pesquisa está fundamentada en la Te - oría del Disclosure Voluntario de Verrecchia (2001. El nivel de disclosure de las empresas fue definido a partir de una métrica compuesta por seis categorías y 43 subcategorías: Ambiente de Negocios (8, Actividad Operacional (8, Aspectos Estratégicos (8, Informaciones Financieras (7, Índices Financieros (4 y Gobernación Corporativa (8. El análisis del dis-closure voluntario fue realizado a partir de las Demostraciones Financieras Estandarizadas (DFPs, del ejercicio finalizado en 2007, por medio de la técnica de análisis de contenido. La muestra está compuesta por las 100 mayores compañías abiertas no financieras. Por medio de un modelo de regresión múltiple, fueron testadas nueve hipótesis: auditoría, rentabilidad, internacionalización, tamaño, gobernación corporativa, endeudamiento, control accionario, emisión de acciones y sector. Los resultados evidencian que empresas mayores, pertene-cientes al sector eléctrico, que poseen American Depositary Receipts (ADRs en los niveles II y III en la Bolsa de Nueva York (NYSE y que se adhieren a los niveles diferenciados de gobernación corporativa de la Bolsa de São Paulo (Bovespa, poseen, en promedio, un mayor nivel de disclosure voluntario. Esos resultados pueden ser interpretados a la luz de la hipótesis del vínculo (bonding hypothesis y también de los costes políticos (political costs hypothesis, en la medida en que grandes empresas y aquellas con mejores prácticas de gobernación corporativa poseen mayores niveles de disclosure voluntario. Se nota también que la regulación sectorial, específicamente en el sector eléctrico, también es un factor sig-nificativo para explicar el nivel de disclosure voluntario de las compañías abiertas.

  6. Fatores de risco para morte por pneumonia em menores de um ano em uma região metropolitana do sudeste do Brasil: um estudo tipo caso-controle Risk factors for death by pneumonia among children under one year of age in a metropolitan area of Southeastern Brazil: a case-control study

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Flávia Maria Leal Niobey

    1992-08-01

    Full Text Available Através de um estudo tipo caso-controle, foi comparada uma amostra de óbitos pós-neonatais por pneumonia ocorridos na Região Metropolitana do Rio de Janeiro, Brasil (1986-1987 e controles sadios, moradores na vizinhança. Os fatores de risco investigados foram variáveis relacionadas à história gestacional da mãe e ao nascimento da criança, às condições sociais da família e à utilização de serviços de saúde. Na primeira etapa de análise, através de um modelo de regressão logística univariada, foram estimados os coeficientes de cada variável independente, o risco relativo e seus limites de confiança. O peso ao nascer e a idade do desmame mostraram-se das mais fortemente associadas com a variável dependente. Na segunda etapa, foi feito o ajuste pelo modelo de regressão logística múltipla e somente 4 variáveis permaneceram estatisticamente associadas com a mortalidade: idade do desmame, peso ao nascer, número de moradores da casa e aplicação da vacina BCG. Conclui-se que a mortalidade por pneumonia em menores de um ano está fortemente associada às condições sociais da família, em particular da mãe.In a case-control study, a sample of post-neonatal deaths from pneumonia occurring in the Metropolitan Area of Rio de Janeiro, Brazil (1986-1987 were compared with healthy controls who lived in the same neighborhood. Risk factors investigated were variables related to the mother's pregnancy history and the child's birth, to the family's social condition and to the use of health services. Using the univariate logistic regression model, the coefficients of each independent variable, the relative risk and its confidence limits were first estimated. Birth weight and age of weaning were strongly associated with the dependent variable. After adjustment by means of the multiple logistic regression model, only 4 variables remained statistically associated with mortality: age of weaning, birth weight, over crowding, and BCG

  7. Bullying na adolescência: visão panorâmica no Brasil

    OpenAIRE

    2015-01-01

    Resumo Embora o bullying seja um tema amplamente disseminado nas mídias sociais e estudado internacionalmente há mais de quatro décadas, no Brasil, somente passou a ser objeto de estudo a partir do final da década de 90 e início do ano 2000. Para compreender a produção científica nacional acerca deste tema, considerou-se aspectos que o caracterizam como subtipo de violência, diferença entre gêneros, fatores associados, consequências e possíveis abordagens intervencionistas e preventivas. A pe...

  8. Guia de identificação dos ninhos de vespas sociais (Hymenoptera, Vespidae, Polistinae na Reserva Ducke, Manaus, Amazonas, Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Alexandre Somavilla

    2012-12-01

    Full Text Available Vespidae sociais utilizam principalmente material vegetal para a elaboração de seus ninhos. Embora existam alguns estudos referentes à fauna de vespas na região Amazônica, nenhum trabalho trata exclusivamente dos ninhos. Além disso, nas coleções biológicas poucos são os ninhos tombados, devido principalmente à fragilidade e difícil conservação dos mesmos. O objetivo desse trabalho foi o conhecimento de alguns ninhos encontrados na Reserva Ducke, apresentando informações a respeito dos mesmos e uma chave de identificação dos gêneros. Os ninhos foram coletados através da busca direta, percorrendo os transectos da grade do Programa de Pesquisa em Biodiversidade; locais como margens de igarapés, bordas de acampamentos e construções na sede da reserva também foram explorados. Para todos os ninhos obteve-se o registro fotográfico e a localização exata por GPS. Foram registrados 39 ninhos de vespas sociais alocados em 17 espécies de Polistinae: Agelaia constructor, A. pallipes, Angiopolybia pallens, Apoica pallens, Metapolybia unilineata, Mischocyttarus lecointei, M. saturatus, Polybia bistriata, P. dimidiata, P. jurinei, P. liliacea, P. occidentalis, P. procellosa, P. rejecta, Protopolybia bituberculata, P. chartergoides e Synoeca virginea. Cinco ninhos desabitados de Mischocyttarus, Polybia e Polistes também foram coletados.

  9. Gravidez não planejada no extremo Sul do Brasil: prevalência e fatores associados Unplanned pregnancy in Southern Brazil: prevalence and associated factors

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Silvio Omar Macedo Prietsch

    2011-10-01

    Full Text Available Este estudo teve por objetivo identificar fatores associados à ocorrência de gravidez não planejada em Rio Grande, Rio Grande do Sul, Brasil. Em 2007, aplicou-se questionário padronizado a todas as parturientes residentes neste município, investigando sobre características demográficas e reprodutivas maternas, nível socioeconômico da família e assistência recebida na gestação e parto. A análise ajustada foi realizada utilizando-se regressão de Poisson com ajuste robusto da variância. Dentre as 2.557 gestantes incluídas no estudo, 65% não planejaram a gravidez. Após ajuste para confundimento, as seguintes variáveis mostraram-se significativamente associadas à gravidez não planejada: cor da pele parda/preta, idade inferior a 20 anos, sem companheiro, baixa renda familiar, aglomeração familiar, tabagismo e mais de um parto. Abortamento prévio mostrou-se protetor para a gravidez não planejada. A elevada ocorrência de gravidez não planejada, sobretudo entre aquelas com maiores riscos de complicações durante a gestação e o parto, indica a necessidade de se estabelecerem programas de saúde à atenção desta população.The purpose of this study was to investigate factors associated with unplanned pregnancies in Rio Grande, Rio Grande do Sul State, Brazil. A standardized questionnaire was applied in 2007 to all pregnant women in the city, including demographic characteristics, childbearing history, socioeconomic status, and prenatal and childbirth care. The study used Poisson multivariate regression analysis with robust adjustment of variance. Among the 2,557 women included in the study, 65% had not planned the current pregnancy. After adjusting for confounders, the following variables were significantly associated with unplanned pregnancy: black or mixed race, age < 20 years, single marital status, low family income, household crowding, smoking, and multiparity. Previous abortion was a protective factor against

  10. Prevalência de tabagismo e fatores associados em área metropolitana da região Sul do Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Leila B. Moreira

    1995-02-01

    Full Text Available Com o objetivo de avaliar a prevalência de tabagismo em Porto Alegre, RS, Brasil, e os fatores associados, executou-se estudo observacional, de delineamento transversal e base populacional. Através de amostragem aleatória proporcional, por estágios múltiplos e conglomerados, selecionaram-se 1.091 indivíduos, a partir de 18 anos, que responderam a um questionário, em entrevista domiciliar. Aferiu-se o hábito de fumar através de perguntas dirigidas ao tipo de fumo, freqüência e tempo de exposição. A prevalência foi de 34,9% (IC 31,9 - 37,8, sendo de 41,5% (IC 38,5 - 44,4 entre os homens e 29,5% (IC 26,8 - 32,2 entre as mulheres. O início foi, em média, aos 16 (±5,6 e 17,8 (±6,7 anos, com moda de 15 e 14 anos, respectivamente. Os homens fumavam 19,0 ± 14,0 cigarros por dia e as mulheres 14,5 ± 10,3. Analisaram-se as associações através de regressão logística, incluindo-se no modelo sexo, idade, educação, renda, qualificação profissional e consumo de álcool. O hábito de fumar foi mais freqüente entre os homens, indivíduos de menor nível socioeconômico, dos 30 aos 39 anos, e entre os usuários de bebidas alcoólicas. Conclui-se que o tabagismo é freqüente em Porto Alegre, constituindo-se problema de saúde pública similar ao referido pela literatura. O consumo de álcool deve estar associado ao fumo por serem ambos comportamentos de risco, com determinantes comuns.

  11. Teoria das representações sociais nos estudos organizacionais no Brasil: análise bibliométrica de 2001 a 2014

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Priscilla de Oliveira Martins-Silva

    Full Text Available Resumo A teoria das representações sociais (TRS, proposta por Serge Moscovici na década de 1960, tem passado por um processo de crescimento e expansão, deixando de ser um corpo de conhecimento da psicologia social para alcançar diversos campos e áreas do conhecimento. Este artigo tem por objetivo apresentar os resultados de uma pesquisa bibliométrica acerca da produção científica que envolve a utilização da TRS no campo dos estudos organizacionais (EO, referente ao período de 2001 a 2014. Foram investigadas publicações em eventos científicos organizados pela Associação Nacional de Programas de Pós-Graduação em Administração (ANPAD e em periódicos brasileiros classificados nos estratos A1, A2 e B1 do Qualis Capes, para a área Administração, Ciências Contábeis e Turismo, relacionados aos EO. Foram identificados 90 artigos, dos quais 67 foram publicados em 7 eventos científicos (do total de 27 edições e 23 foram publicados em 6 periódicos. Deste total, 83 são de natureza teórico-empírica e apenas 7 são teóricos. A pesquisa bibliométrica permitiu identificar que a utilização da TRS nos EO ainda é incipiente e que, nos artigos investigados, os autores utilizam a TRS de forma superficial, sem explorar o potencial que essa teoria proporciona para a compreensão dos fenômenos sociais. Além disso, foi possível constatar nos textos investigados algumas inconsistências teóricas e metodológicas no uso da TRS, merecendo destaque o tratamento equivocado dos objetos representacionais, a adaptação reducionista do conceito de representações sociais (RS e a utilização da TRS como método de pesquisa. Como contribuição, aponta-se a necessidade de evolução e amadurecimento da TRS nos EO, tanto em termos quantitativos como qualitativos.

  12. Desigualdades sociais, políticas de saúde e formação de médicos, enfermeiros e dentistas no Brasil e em Portugal

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Isabel Maria Rodrigues Craveiro

    2015-10-01

    Full Text Available ResumoO estudo analisa a produção do conhecimento científico sobre desigualdades sociais em saúde e discute sua relação com as políticas de formação de dentistas, enfermeiros e médicos no Brasil e em Portugal. Foram identificados documentos publicados em Português, Francês, Inglês e Espanhol, entre janeiro de 2000 e dezembro de 2012, por meio da combinação de levantamento em bases de dados eletrônicas, manual e intencional da literatura cinzenta. Foram selecionados 53 documentos de um total de 1652. Os resultados mostram escassez de conhecimento para permitir a avaliação das políticas de formação de recursos humanos em saúde em geral e aquelas relativas a médicos, enfermeiros e dentistas, em particular. No Brasil, ainda são poucos os estudos que procuram entender como essa formação pode contribuir para a diminuição das desigualdades e, para Portugal, não encontramos estudos que estabeleçam uma relação direta entre a formação de recursos humanos e um eventual papel que esses poderão desempenhar no combate às desigualdades. Apesar de um grande aumento na produção científica, muitas lacunas persistem nesse campo. A produção de conhecimento e sua relação com a tomada de decisão parecem ainda ser processos separados nos dois países.

  13. Redes sociais e conflito organizacional

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Jorge Ávila de Lima

    2016-06-01

    Full Text Available As organizações são redes sociais cujos membros estabelecem entre si ligações de diversos tipos, formais e informais, positivas e negativas. O conflito entre atores é um processo comum que pode ser explicado com base num conjunto diverso de fatores. Contudo, o conflito interno às organizações tem sido pouco estudado, numa perpetiva de redes sociais. Para além disto, o conflito interorganizacional, analisado ao nível dos atores individuais, tem sido ainda menos estudado. No presente artigo, procuramos abordar o modo como as redes sociais das organizações estão associadas a perceções de conflito, quer intra-organizacional, quer interorganizacional, num contexto de proximidade física entre organizações. O estudo empírico, que envolveu duas organizações que partilhavam o mesmo espaço físico, mostra que, apesar da grande proximidade espacial entre ambas, os laços de amizade tendiam a concentrar-se no interior de cada organização e as perceções de conflito eram maiores entre as organizações do que no interior das mesmas. Os resultados são discutidos à luz das teses sobre os efeitos da propinquidade física sobre a atração interpessoal entre membros de grupos distintos

  14. Desenvolvimento, conflitos sociais e violência no Brasil rural: o caso das usinas hidrelétricas Development, social conflicts and violence in rural Brazil: the case of hydroelectric dams

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Andréa Zhouri

    2007-12-01

    Full Text Available A mundialização do capital resulta não só na re-localização dos investimentos, mas na transferência do ônus das degradações para os países e classes sociais mais vulneráveis. No Brasil, este processo tem resultado na viabilização de projetos hidrelétricos e, com efeito, na multiplicação das tensões e confrontações entre as populações locais e o Setor Elétrico. Este texto analisa tais experiências de conflito, por vezes violentas, dando ênfase aos significados articulados pelas duas racionalidades em disputa.Mundialization of capital results not only in the relocation of the productive activities and investments, but also in the transfer of the responsibility for degradation to the most vulnerable classes and countries. In Brazil, this process has brought about large as well as small electric power plants. Consequently, confrontational events between locals and the Electric Sector are multiplied. This paper analyzes such existing conflict experience, focusing on the meanings produced by the two rationalities in dispute.

  15. TECNOLOGIAS SOCIAIS DE CONVIVÊNCIA COM O SEMIÁRIDO COMO ESTRATÉGIA DE MITIGAÇÃO/ADAPTAÇÃO ÀS MUDANÇAS CLIMÁTICAS NO BRASIL

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Andréa Cardoso Ventura

    2014-06-01

    Full Text Available Diversas pesquisas ao redor do mundo indicam as populações de regiões semiáridas entre as mais vulneráveis frente às mudanças climáticas. Algumas delas, entretanto, destacam o fato de que, ao enfrentar as adversidades próprias do clima e realidade locais, estas comunidades tornaram-se mais resilientes, ou seja, mais preparadas para enfrentar o clima futuro. Este artigo vem contribuir com estas discussões, através de uma análise sobre inovações ocorridas em âmbito local no Brasil, representadas por Tecnologias Sociais de Convivência com o Semiárido. A investigação realizou-se por meio de análise em profundidade de 10 estudos de caso, utilizando ferramenta analítica especialmente elaborada para verificar benefícios ao desenvolvimento humano de projetos que promovam enfrentamento às mudanças climáticas. Discute-se como estas tecnologias vêm contribuindo para gerir soluções socioambientais naquela região, assim como debilidades a serem reduzidas para potencializar estas iniciativas como instrumentos complementares de governança local climática. 

  16. A Influência de fatores sociais, individuais e lingüísticos no desempenho de crianças na leitura em voz alta de palavras isoladas The influence of social, individual and linguistic factors on children's performance in tasks of reading single words aloud

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Patrícia Silva Lúcio

    2010-01-01

    Full Text Available O estudo avalia a interferência de fatores sociais, individuais e lingüísticos no desempenho de leitura em voz alta de 333 crianças de Belo Horizonte cursando 1ª a 4ª série do Ensino Fundamental. Medidas de tempo de reação e precisão foram coletadas. Uma análise de regressão hierárquica (método de Estimação de Equação Generalizada mostrou a existência dos efeitos de regularidade grafema-fonema e fonema-grafema na leitura e um impacto do número de categorias de regularidade utilizadas na emergência desse efeito. Dos fatores sociais, apenas a escolaridade da mãe foi importante para a precisão (na direção inversa à esperada. Não houve efeito de gênero. Outros fatores além dos tradicionais também mostraram-se relevantes, como a idade de aquisição da leitura e a compreensão verbal. O estudo contribuiu com questões teóricas relevantes para a avaliação cognitiva da leitura no português.This study evaluates social, individual and linguistic factors in the performance of a single- word reading aloud task. A group of 1st to 4th grade school children from Belo Horizonte-MG (N = 333 read aloud 323 single words presented in a computer screen. Measures of reaction time (RT and error scores were collected. The Generalized Estimating Equations method exhibited the grapheme-phoneme and phoneme-grapheme regularity effect in reading and also showed an impact on the number of categories of regularity in this effect. No social factor was important to explain the results, but their mothers' education was correlated to the error scores (in opposite direction. There was no gender effect. Other factors rather than the traditional ones were also relevant, such as the age of reading acquisition and the verbal comprehension. The work brings important theoretical issues to cognitive reading assessment in Brazil.

  17. Mapa das juventudes de Santo André, SP: instrumento de leitura das desigualdades sociais Mapa de las juventudes de Santo André, Sureste de Brasil: instrumento de lectura de las desigualdades sociales Youth map of the city of Santo André, Southeastern Brazil: an instrument to read social inequalities

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Tatiana Yonekura

    2010-02-01

    Full Text Available OBJETIVO: Analisar as desigualdades sociais de jovens moradores em área urbana pelo mapeamento de dados sociodemográficos e econômicos. MÉTODOS: Utilizando-se dados do Censo Demográfico 2000, 57 variáveis sociodemográficas e econômicas de jovens de 15 a 24 anos do município de Santo André, SP, foram distribuídas por 43 regiões de dados estatísticos que correspondem a um recorte do território em distritos menores. Os dados foram coletados no Departamento de Indicadores Sociais e Econômicos da Prefeitura Municipal de Santo André, referentes ao ano 2000. Por meio de análise fatorial, 13 variáveis foram agrupadas em dois fatores - condições de trabalho e condições de vida, que discriminaram estatisticamente regiões semelhantes entre si. Foi realizada análise por agrupamento das regiões, resultando em quatro grupos sociais. RESULTADOS: O espaço que concentrava os jovens com mais acesso à riqueza foi classificado como central e aqueles com menos acesso, como periférico. Duas gradações intermediárias puderam ser identificadas, uma mais próxima ao extremo do acesso ("quase central" e outra mais próxima à privação ("quase periférica". As variáveis discriminantes estavam relacionadas ao trabalho, à migração, escolaridade, fecundidade, posição do jovem no domicílio, presença de cônjuge ou companheiro, condição de moradia e posse de bens. CONCLUSÕES: As diferenças entre os grupos sociais expressaram desigualdades importantes entre os jovens que vivem, estudam e/ou trabalham na cidade, o que contribuirá para o planejamento de políticas sociais públicas dirigidas a esses grupos.OBJETIVO: Analizar las desigualdades sociales de jóvenes moradores en área urbana por el mapeo de datos sociodemográficos y económicos. MÉTODOS: Utilizándose datos del Censo Demográfico 2000, 57 variables sociodemográficas y económicas de jóvenes de 15 a 24 años del municipio de Santo André, Sureste de Brasil, fueron

  18. FRANCISCO CURT LANGE E O MODERNISMO MUSICAL NO BRASIL: IDENTIDADE NACIONAL, POLÍTICA E REDES SOCIAIS ENTRE OS ANOS 1930 E 1940

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Loque Arcanjo Jr.

    2010-12-01

    Full Text Available RESUMO: Este texto tem como objetivo uma análise de alguns elementos do modernismo musical no Brasil entre os anos 1930 e 1940, tendo como referência a figura de Francisco Curt Lange. Esse musicólogo é pensado como o centro de uma rede de sociabilidade entre músicos de diferentes perspectivas estéticas. Em seus diálogos transitam temas que envolvem a cultura e a política no Brasil daquele contexto, bem como as diferentes posições de intelectuais, como Mário de Andrade e Joaquin Koellreuter, frente a um cenário de construção de identidade musical para o Brasil.PALAVRAS-CHAVE: Modernismo musical; Estética; Curt Lange; Historiografia dos intelectuaisABSTRACT: This paper aims at an analysis of some elements of musical modernism in Brazil between 1930 and 1940, with reference to the figure of Francisco Curt Lange. This musicologist is thought of as the center of a network of sociability between musicians from different aesthetic perspectives. In his dialogues transit issues involving culture and politics in Brazil that context as well as the different positions of intellectuals such as Mário de Andrade and Joaquin Koellreuter, compared to a musical identity construction scenario for Brazil. KEYWORDS: Musical Modernism; aesthetics; Curt Lange; Historiography of intellectualsRecebido:28/11/2010            Aceito:23/12/2010

  19. Diferenciais de mortalidade jovem no Brasil: a importância dos fatores socioeconômicos dos domicílios e das condições de vida nos municípios e estados brasileiros

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fabiano Neves Alves Pereira

    Full Text Available Resumo: Neste artigo, analisou-se a relação entre o nível socioeconômico dos domicílios e das condições sociais locais com o risco de morte de jovens brasileiros. Foram utilizados os dados de óbitos ocorridos nos últimos 12 meses coletados pelo Censo Demográfico de 2010 para realizar a análise em nível local. A análise dos dados foi feita com base em modelos hierárquicos que possibilitaram identificar a contribuição das condições sociais dos domicílios, municípios e estado de residência na mortalidade de jovens no Brasil. Os resultados indicam que as diferenças nos níveis de status socioeconômico entre os domicílios são responsáveis por mais de 90% da variabilidade no risco de relato de óbito jovem pelo domicílio. Além disso, os resultados mostram que residir em uma localidade com baixo nível socioeconômico aumenta as chances de ocorrência de relato de óbito de jovens pelos domicílios de qualquer nível social no período.

  20. Controle abstrato e concentrado de constitucionalidade comparado (Brasil, Portugal e Angola e seus efeitos nas instituições sociais e jurídicas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ilton Norberto Robl Filho

    2015-01-01

    Full Text Available Este artigo analisa, empírica e comparativamente, as decisões dos Tribunais Constitucionais de Portugal e de Angola e do Supremo Tribunal Federal brasileiro no controle concentrado/abstrato, verificando a validade empírica de duas hipóteses sobre o abstract judicial review: 1 a proposição sobre a regra da absorção (TSEBELIS, 2009, com tribunais não atuando contramajoritariamente ao decidir sobre legislação aprovada pela coalizão majoritária, e 2 nas decisões que envolvem atores de diversos níveis governamentais (BZDERA, 1993, se o controle abstrato restringe a descentralização a partir de prerrogativas consolidadas constitucionalmente pelo poder central. Conclusões preliminares indicam validade empírica da primeira hipótese no Brasil e da segunda hipótese no Brasil e em Portugal. Em Angola, a segunda hipótese é completamente negada.

  1. Bahia, um Brasil evocado em exotismo: alegria, negritude, sabor e movimento nas representações sociais de universitários

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cristal O. Moniz de Aragão

    2008-12-01

    Full Text Available Este trabalho discutirá a representação social da Bahia para um grupo de 1 029 estudantes universitários residentes em sete Estados das cinco regiões do País. Interessadas na construção social de realidades, utilizamos a teoria das representações sociais de Moscovici e Jodelet como ferramenta para compreender os mecanismos psicossociais envolvidos neste processo. A partir do questionário aplicado, contendo desenhos, respostas abertas e fechadas, estas passaram por uma análise de conteúdo categorial temática nos moldes propostos por Bardin. Elas permitem observar um destaque da Bahia perante outros Estados, tanto em relação ao conhecimento e informação quanto a questões mais específicas, como as manifestações culturais e os eventos históricos que a caracterizam. O conjunto de resultados traz uma representação social positiva do Estado, composta por elementos que marcam a identidade social e se misturam a um olhar exótico, aqui apreendido como uma estratégia antropofágica de visibilidade

  2. Melanoma hereditário: prevalência de fatores de risco em um grupo de pacientes no Sul do Brasil Hereditary melanoma: prevalence of risk factors in a group of patients in Southern Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Charles André Carvalho

    2004-02-01

    Full Text Available FUNDAMENTOS: Aproximadamente 10% dos casos de melanoma são atribuíveis a mutações em genes de predisposição, sendo, portanto, hereditários. OBJETIVOS: Este estudo avalia a prevalência de fatores de risco para melanoma hereditário em um grupo de pacientes com melanoma no sul do Brasil. CASUÍSTICA E MÉTODOS: Foram estudados 195 pacientes com diagnóstico de melanoma admitidos consecutivamente no Hospital de Clínicas de Porto Alegre entre janeiro de 1999 e junho de 2000. RESULTADOS: A idade média ao diagnóstico de melanoma foi de 48 anos em homens e 44,9 anos em mulheres. Dos 133 pacientes cuja história familiar encontrava-se registrada no prontuário, 13 (9,8% apresentavam história familiar de melanoma. A presença de ao menos um fator de risco importante para predisposição hereditária ao melanoma foi constatada em 31 pacientes (16%; IC 95% 10,9% - 21,1%. CONCLUSÃO: A possibilidade de influência do fator hereditário no Brasil estimula a procura ativa de fatores de risco genético em pacientes com melanoma, já que a identificação de famílias de alto risco pode ter grande impacto sobre a morbimortalidade de seus integrantes.BACKGROUND: Approximately 10% of melanoma cases are attributable to cell line mutations in predisposition genes, and are therefore hereditary. OBJECTIVES: The present study evaluates the prevalence of hereditary melanoma risk factors in a group of patients diagnosed with the disorder in Southern Brazil. PATIENTS AND METHODS: One-hundred and ninety-five patients diagnosed with melanoma who were consecutively admitted to the Hospital de Clinicas de Porto Alegre between January 1999 and June 2000 were studied. RESULTS: The mean age at diagnosis of melanoma was 48 years in men and 45 years in women. From the 133 patients who had their family history registered in the hospital records, 13 (9.8% had a family history of melanoma. The presence of at least one important risk factor for hereditary melanoma was

  3. Social inequalities and the rise in violent deaths in Salvador, Bahia State, Brazil: 2000-2006 Desigualdades sociais e crescimento das mortes violentas em Salvador, Bahia, Brasil: 2000-2006

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luiz Antonio Chaves Viana

    2011-01-01

    Full Text Available An ecological study was carried out using information zones as units of analysis in order to assess the evolution of socio-spatial inequalities in mortality due to external causes and homicides in Salvador, Bahia State, Brazil, in 2000 and 2006. The Brazilian Institute of Geography and Statistics (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística - IBGE and the City Health Department (Secretaria Municipal de Saúde provided the data sources, and causes of death were reviewed and reclassified based on reports from the Institute of Legal Medicine (Instituto Médico Legal. The information zones were classified into four social strata according to income and schooling. The ratio between mortality rates (inequality ratio was calculated and confirmed a rise of 98.5% in the homicide rate. In 2000, the risk of death due to external causes and murders in the stratum with the worst living conditions was respectively 1.40 and 1.94 times greater than in the reference stratum. In 2006 these figures were 2.02 and 2.24. The authors discuss the implications for inter-sectoral public policies, based on evidence from the study's findings.Com o objetivo de analisar a evolução das desigualdades socioespaciais na mortalidade por causas externas e homicídios em Salvador, Bahia, Brasil, entre 2000-2006, foi realizado um estudo ecológico, tendo as zonas de informação e estratos sociais como unidades de análise. O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE e a Secretaria Municipal de Saúde foram fontes de dados. As causas básicas de óbito foram revisadas e reclassificadas com base em relatórios do IML. As zonas de informação foram classificadas em quatro estratos sociais a partir da renda e da escolaridade. Calculou-se a razão entre as taxas de mortalidade (razão de desigualdade. Verificou-se aumento de 98,5% na taxa de homicídios no período. Em 2000, o risco de morte por causas externas e homicídios no estrato de piores condições de vida

  4. Inatividade física e fatores associados em adultos, São Paulo, Brasil Physical inactivity and associated factors in adults, São Paulo, Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luane Margarete Zanchetta

    2010-09-01

    Full Text Available OBJETIVO: Analisar prevalências de inatividade física e fatores associados, e exercícios e esportes praticados segundo escolaridade em 2.050 adultos de 18 a 59 anos de idade - Estado de São Paulo, Brasil. MÉTODOS: Estudo transversal de base populacional com amostra estratificada e em múltiplos estágios. A inatividade física global foi aferida pelo International Physical Activity questionary - IPAQ short version, e por questão sobre prática regular de atividade física no lazer. A análise dos dados levou em conta o desenho amostral. RESULTADOS: A prevalência de inatividade física no lazer foi maior entre as mulheres. Já a inatividade física pelo IPAQ foi maior entre os homens. Modelos de regressão múltipla de Poisson indicaram, nos homens, menor inatividade física pelo IPAQ nos solteiros e separados, estudantes e aqueles que não possuíam carro. A inatividade física no lazer foi maior nos homens acima de 40 anos e com menor escolaridade ou apenas estudantes. A inatividade física pelo IPAQ, nas mulheres, foi mais prevalente entre as com maior escolaridade, ocupações menos qualificadas e viúvas; a inatividade física no lazer diminuiu com o aumento da idade e da escolaridade. Entre as modalidades praticadas no lazer, a caminhada foi a mais prevalente nas mulheres e o futebol nos homens. A maioria das modalidades foi diretamente associada à escolaridade; aproximadamente 25% dos indivíduos com mais de 12 anos de estudo praticava caminhada. CONCLUSÕES: Estes resultados sugerem que intervenções e políticas públicas de promoção da atividade física devem considerar diferenças socioeconômicas, de gênero, bem como as modalidades e o contexto em que a atividade física é praticada.OBJECTIVE: To analyze the prevalence of overall and leisure time physical inactivity and associated factors and types of exercises or sports modalities according to schooling in 2,050 adults from 18 to 59 years of age - state of São Paulo

  5. Alcohol drinking patterns by gender, ethnicity, and social class in Bahia, Brazil Determinantes sociais e padrões de consumo de álcool na Bahia, Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Naomar Almeida-Filho

    2004-02-01

    informaram qualquer uso de bebidas alcoólicas com embriaguez freqüente (pelo menos uma vez por semana. RESULTADOS: Cinqüenta e seis por cento da amostra referiram consumo atual de bebidas alcoólicas. Consumo global estava significantemente associado a gênero (homens, estado civil (solteiros, migração (não-migrantes, educação (nível superior e classe social (alta. Nenhuma diferença significante foi encontrada com relação a etnicidade, com exceção de cachaça e outras bebidas destiladas. A prevalência anual de consumo de alto risco foi 7%, seis vezes mais prevalente entre homens que entre mulheres (quase 13% comparado a 2,4%. Foi encontrada uma associação positiva de prevalência de consumo de alto risco com educação e classe social. Nenhuma relação global foi encontrada entre etnicidade e consumo de alto risco. Gênero masculino e níveis socioeconômicos mais altos foram associados ao aumento de consumo de alto risco. Análises estratificadas revelaram um efeito consistente de gênero, através de todos os estratos de variáveis independentes. CONCLUSÕES: Os resultados sugerem que elementos sociais e culturais determinam padrões locais de consumo de bebidas alcoólicas. Pesquisas adicionais sobre efeitos de longo prazo de etnicidade, classe social e gênero sobre consumo de álcool são necessárias, visando a explicar o seu papel como fontes de desigualdades sociais em saúde.

  6. PREVENÇÃO DE DEFEITOS DO TUBO NEURAL: PREVALÊNCIA DO USO DA SUPLEMENTAÇÃO DE ÁCIDO FÓLICO E FATORES ASSOCIADOS EM GESTANTES NA CIDADE DE PELOTAS RS, BRASIL

    OpenAIRE

    Mezzomo,Cíntia Leal Sclowitz

    2006-01-01

    Com o objetivo de determinar a prevalência do uso do ácido fólico e fatores associados, realizou-se um estudo transversal de base populacional nas cinco maternidades da cidade de Pelotas - RS, Brasil. A coleta de dados ocorreu no período de 1° de abril a 15 de agosto de 2006 com 1.450 mulheres. As entrevistas foram realizadas em nível hospitalar por questionário padronizado. A análise estatística se realizou por regressão de Poisson. A prevalência do uso de ácido fólico na gest...

  7. Fatores de risco associados aos problemas dos leitões na fase de creche em rebanhos da região Sul do Brasil Risk factors associated with post-weaning pigs problems in herds of South region of Brazil

    OpenAIRE

    Morés,N.; J. Sobestansky; Barioni Junior,W.; Madec, F.; O.A. Dalla Costa; PAIVA, D. P. de; Lima,G.M.M.; A.L. Amaral; Perdomo,C.C.; Coimbra,J.B.S.

    2000-01-01

    Um experimento de pesquisa epidemiológica observacional foi realizado em 65 rebanhos da região Sul do Brasil, com o objetivo de identificar o conjunto de fatores de risco que melhor explicam a ocorrência de problemas com os leitões na fase de creche. Em cada rebanho acompanhou-se um lote de leitões durante as primeiras três semanas após o desmame, sendo avaliadas variáveis ligadas às instalações, à nutrição, ao manejo, ao ambiente e à saúde dos leitões. Na análise estatística dos dados foram ...

  8. Freqüência do fator V Leiden em indivíduos sob investigação de trombofilia, Recife, Pernambuco, Brasil Frequency of factor V Leiden in individuals under thrombophilia investigation, Recife, Pernambuco, Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Catarina P. S. Ramos

    2006-06-01

    Full Text Available As tromboses são eventos de etiopatogênese multifatorial resultantes da interação de fatores genéticos e ambientais, constituindo na atualidade uma das causas mais comuns de morbimortalidade. Uma mutação de ponto no fator V da coagulação, o fator V Leiden (FVL, constitui o defeito genético mais comum associado com trombofilia. No Brasil, o estudo deste fator de risco é relativamente recente e se dispõe de poucos dados na literatura especializada. Este trabalho teve como objetivo determinar a freqüência da mutação do fator V Leiden em 292 indivíduos sob investigação de trombofilia no Hemocentro de Pernambuco. A técnica molecular utilizada foi a RE/PCR (Enzima de Restrição/Reação em Cadeia da Polimerase, usando primers específicos e a enzima MnlI. A freqüência do FVL encontrada foi de 13,3%, sendo 36 heterozigotos e 3 homozigotos. A presença da mutação foi semelhante em indivíduos com idade tanto inferior quanto superior a 45 anos. Os resultados da pesquisa mostraram que a freqüência do FVL na população estudada é semelhante à descrita na literatura científica para indivíduos selecionados com tromboembolismo e confirmam a importância do estudo molecular nas diferentes faixas etárias.Thrombosis is a multifactorial disease involving genetic and environmental factors and constitutes one of the most common causes of morbimortality. A point mutation in coagulation factor V - factor V Leiden (FVL, constitutes the most prevalent genetic defect associated with thrombophilias. The study of this risk factor is relatively recent in Brazil and only a few reports have been published to date. The aim of this study was to determine the frequency of FVL in 292 individuals being investigated for thrombophilia at the Pernambuco State Blood Center. The molecular biology technique used was RE/PCR (Restriction Enzyme / Polymerase Chain Reaction, using specific primers and the MnlI enzyme. The frequency of FVL was 13

  9. Estudo de revisão dos fatores biológicos, sociais e ambientais associados com o comportamento agressivo Study review of biological, social and environmental factors associated with aggressive behavior

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Deise Daniela Mendes

    2009-10-01

    Full Text Available OBJETIVOS: Estudar os fatores de risco relacionados ao desenvolvimento do comportamento agressivo. MÉTODO: Foi realizada uma busca em duas bases de dados eletrônicas, Medline e SciElo, por estudos retrospectivos, longitudinais e de revisão que avaliaram fatores de risco para o desenvolvimento do comportamento agressivo. RESULTADOS: Foram selecionados 11 estudos longitudinais (8 prospectivos e 3 de casos-controle e um transversal que avaliaram os fatores de risco biológicos e socioambientais relacionados ao comportamento agressivo. Cinco estudos avaliaram a expressão gênica, cinco a exposição ao tabaco, ao álcool e a cocaína no período pré-natal, um avaliou as implicações da desnutrição precoce no desenvolvimento do comportamento agressivo e um avaliou o impacto dos maus tratos na infância. CONCLUSÃO: os principais fatores biológicos encontrados foram: genéticos (baixa expressão do gene monoaminaoxidase e do gene transportador de serotonina, variações nos genes transportador e receptor de dopamina, exposição a substâncias durante o desenvolvimento intrauterino (tabaco, álcool e cocaína e nutricionais (desnutrição infantil. os principais fatores socioambientais encontrados foram: maus tratos na infância, pobreza, criminalidade e comportamento antissocial na infância, sendo que o maior nível de evidência esteve relacionado à negligência precoce. A interação entre fatores biológicos e ambientais pode ser catalisada por um ambiente hostil aumentando os riscos para o desenvolvimento de comportamentos agressivos.OBJECTIVES: To study the risk factors related to the development of aggressive behavior. METHOD: A search was carried out in two electronic databases, Medline and SciElo by retrospective studies, longitudinal and review that assessed risk factors for the development of aggressive behavior. RESULTS: There were selected 11 longitudinal studies (8 prospective and 3 case-control studies and a cross sectional

  10. Prematuridade e fatores associados em Santa Catarina, Brasil: análise após alteração do campo idade gestacional na Declaração de Nascidos Vivos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Paulo Fontoura Freitas

    2015-09-01

    Full Text Available Objetivos:estimar a prevalência de prematuridade e os fatores associados, após a alteração do campo idade gestacional na Declaração de Nascidos Vivos, no Estado de Santa Catarina, Brasil, em 2012.Métodos:estudo seccional com base nos dados do Sistema de Informações de Nascidos Vivos (SINASC. Razões de Prevalência (RP de prematuridade, brutas e ajustadas, por Regressão de Cox Robusta para o ano de 2012, foram calculadas e os resultados comparados aqueles reportados para 2005.Resultados:as taxas de prematuridade aumentaram de 6,1%, em 2005, para 10,6% em 2012. Ao se comparar os dois anos, maiores diferenças foram encontradas entre as mulheres com menor número de consultas pré-natal, menor nível de escolaridade e de cor não branca. Após o ajuste pelos fatores de confusão, as taxas de prematuridade se mostraram associadas à menor frequência de consultas de pré-natal (RP=2,64; IC95%: 2,58-3,28, menor escolaridade (RP= 1,65; IC95%: 1,11-2,45, idade materna <20 anos (RP= 1,24; IC95%: 1,17-1,31 e maior que 39 anos (RP= 1,32; IC95%: 1,17-1,49 e de cor não branca (RP=1,14; IC95%: 1,07-1,21.Conclusões:mudanças no campo idade gesta-cional, agora preenchido como semanas completas de gestação, resultaram em medidas mais confiáveis das taxas de prematuridade no Brasil.

  11. Institucionalização da pesquisa científica no Brasil: cartografia temática e de redes sociais por meio de técnicas bibliométricas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Nair Yumiko Kobashi

    Full Text Available Indicadores de produção científica produzidos por metodologias tradicionais são questionados quando utilizados como parâmetros exclusivos de avaliação da pesquisa científica de países, regiões ou mesmo áreas de conhecimento. Diante do fato, é necessário buscar alternativas teóricas e metodológicas para mapear globalmente e de forma confiável a pesquisa científica nos vários contextos. Para fazer face ao desafio, apresenta-se como hipótese de trabalho a idéia de que os repositórios de dissertações e teses podem ser fontes confiáveis para conhecer a ciência produzida no país. Por meio de fundamentação teórica que associa os Estudos Sociais da Ciência, a Organização e Representação do Conhecimento e Métodos bibliométricos avançados, podem ser vislumbradas novas abordagens sobre as formas de institucionalização social e cognitiva da pesquisa científica no Brasil. A visualização gráfica dessas informações, por meio de cartografias dinâmicas, é útil por sua funcionalidade para oferecer uma visão global de conjuntos de informações e evidenciar relações e estruturas entre elas. Da mesma forma, configura-se como interface poderosa para uso em sistemas de recuperação de informação.

  12. Saúde e Prevenção nas Escolas (SPE: elementos para avaliação de projetos sociais em Juazeiro, Bahia, Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marcelo Silva de Souza Ribeiro

    2015-06-01

    Full Text Available O SPE, à época, apresentado como trabalho de conclusão de curso (TCC de Residência Multiprofissional em Saúde da Família, pela autora, então discente do programa, representou uma iniciativa de saúde e educação, promovendo uma atividade de saúde sexual e reprodutiva para adolescentes no Município de Juazeiro/BA, Brasil. O objetivo deste trabalho foi analisar o SPE em sua concepção, metodologia e resultados, considerando a intersetorialidade, a interface saúde e educação e a efetividade social. Concluiu-se que foi oportuna a garantia da sustentabilidade do projeto e o fomento à participação da comunidade escolar. Os desdobramentos do SPE são visualizados nas macropolíticas de atenção à saúde e educação que hoje direcionam as principais pactuações intersetoriais deste cenário, demandando a compreensão de sua edificação para seu fortalecimento.

  13. Identificações Coletivas e Gestão da Diversidade Étnico-Cultural: Dinâmicas Sociais Contrastantes entre Portugal e o Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Nuno Oliveira

    2015-12-01

    Full Text Available Neste artigo são utilizados os conceitos de identidade narrativa e configuração relacional para compreender as diferentes formas como os Estados organizam os reconhecimentos coletivos e as suas gramáticas institucionais. Usando a narrativa como ferramenta analítica procuramos mostrar como as identidades coletivas são construídas historicamente salientando simultaneamente a imbricação de narrativas de diversos níveis institucionais para legitimar as concepções coletivas de fronteiras identitárias. Metodologicamente, o texto se baseia em uma abordagem historicizante que se vale de fontes secundárias e de pesquisa de um corpus selecionado de documentos oficiais resultante de trabalho de campo em Portugal e no Brasil. Sugerimos que a comparação entre estes contextos permite perceber movimentos divergentes em matéria de concepção das adesões coletivas e dos seus significados em face do pluralismo cívico e étnico-cultural do Estado-nação contemporâneo.

  14. Factors associated with treatment failure, dropout, and death in a cohort of tuberculosis patients in Recife, Pernambuco State, Brazil Fatores associados com falência terapêutica, abandono e óbito em uma coorte de pacientes com tuberculose acompanhados no Recife, Pernambuco, Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria de Fátima Pessoa Militão de Albuquerque

    2007-07-01

    Full Text Available A cohort of cases initiating tuberculosis treatment from May 2001 to July 2003 was followed in Recife, Pernambuco State, Brazil, to investigate biological, clinical, social, lifestyle, and healthcare access factors associated with three negative tuberculosis treatment outcomes (treatment failure, dropout, and death separately and as a group. Treatment failure was associated with treatment delay, illiteracy, and alcohol consumption. Factors associated with dropout were age, prior TB treatment, and illiteracy. Death was associated with age, treatment delay, HIV co-infection, and head of family's income. Main factors associated with negative treatment outcomes as a whole were age, HIV co-infection, illiteracy, alcoholism, and prior TB treatment. We suggest the following strategies to increase cure rates: further training of the Family Health Program personnel in TB control, awareness-raising on the need to tailor their activities to special care for cases (e.g., literacy training; targeting use of directly observed therapy for higher risk groups; establishment of a flexible referral scheme to handle technical and psychosocial problems, including alcoholism; and increased collaboration with the HIV/AIDS program.Acompanhou-se uma coorte de casos de tuberculose que iniciou o tratamento entre maio de 2001 e julho de 2003, em Recife, Pernambuco, Brasil, com o objetivo de investigar a associação de fatores biológicos, clínicos, sociais, de hábitos de vida e acesso aos serviços de saúde com falência terapêutica, abandono e óbito, separadamente e de forma agregada. Falência do tratamento esteve associada com demora para o início do tratamento, analfabetismo e consumo de álcool. Associação com o óbito foi encontrada com grupo etário, demora para o início do tratamento, co-infecção pelo HIV e renda do chefe da família. Fatores associados ao abandono foram grupo etário, tratamento prévio para tuberculose e analfabetismo. Os fatores

  15. Soroprevalência e fatores associados ao Vírus da Imunodeficiência Humana (HIV e sífilis em presidiários do Estado de Pernambuco, Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ana Cecília Cavalcanti de Albuquerque

    2014-07-01

    Full Text Available Os detentos apresentam maior vulnerabilidade ao HIV e outras Infecções Sexualmente Transmissíveis (IST devido a fatores de risco como: compartilhamento de seringas e sexo desprotegido. O objetivo do presente trabalho foi determinar a soroprevalência e fatores de risco para o HIV-1/2 e sífilis entre presidiários do sexo masculino em Caruaru, Pernambuco, Brasil. Foi realizado um corte transversal no período de maio a julho de 2011, no qual 1097 detentos de uma penitenciária de Caruaru foram avaliados, por meio de entrevista e coleta de amostra de sangue para realização dos testes. A prevalência de infecção pelo HIV foi de 1,19% e de sífilis 3,92%. A associação com a infecção pelo HIV mostrou-se estatisticamente significante com uso de drogas injetáveis, homossexualismo e condição de transfusão (p < 0,05. Em relação à soropositividade para sífilis, fatores relacionados à vida sexual mostraram-se estatisticamente significante (p < 0,05. A população carcerária constitui um grupo de alto risco para as doenças pesquisadas. As taxas de prevalência aqui identificadas indicam a necessidade de implantação de programas de prevenção para que as mesmas não venham a se disseminar no âmbito desta população.

  16. Movimentos sociais rurais e redemocratização do Brasil: interpretações possíveis a partir do jornal O Estado (1980-1990

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cristiani Bereta da Silva

    2013-06-01

    Full Text Available En este artículo se discute cómo la cuestión de la tierra y los movimientos sociales rurales, especialmente el movimiento de los sin tierra, han sido tratados y difundidos en el periódico O Estado en el periodo de la redemocratización de Brasil, tras la dictadura civil-militar de 1964. Dicho periódico fue un importante vehículo de noticias en Santa Catarina. Circuló por más de 90 años (fundado en 1915, con su última edición en 2008 y participó del interés público, formando opinión y aportando para construir y fijar memorias plurales, contradictorias y, sobretodo, dinámicas sobre el contexto de la redemocratización. Interesa pensar aquí cómo las narrativas publicadas explican y dan sentido a los cambios políticos que marcaron a Brasil y a Santa Catarina en la década de los 80 e inicio de los 90. Se parte de la premisa de que impresos, como los periódicos y las revistas, así como otros vehículos de la industria del entretenimiento, se invisten de una autoridad simbólica que les permite participar semánticamente de las acciones y transformaciones de la sociedad, incluso operando selecciones de los acontecimientos que deben ser recordados u olvidados en la construcción de una determinada memoria histórica/ Rural social movements and redemocratization in brazil: possible interpretations derived from the newspaper “o estado” (1980-190 Abstract: This article discusses the issue of how land and rural social movements, particularly the Landless Workers’ Movement, have been treated and published in the newspaper O Estado during the Brazilian redemocratization period, after the civil-military dictatorship of 1964. This newspaper was an important news vehicle in the state of Santa Catarina. It was printed for over 90 years (founded in 1915, last edition in 2008 and has participated in public interest through opinion formation, as well as contributing to constructing and fixating plural, contradictory, and most of all

  17. Sobrevida de cinco anos e fatores associados ao câncer de boca para pacientes em tratamento oncológico ambulatorial pelo Sistema Único de Saúde, Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Gisele Macedo da Silva Bonfante

    2014-05-01

    Full Text Available O objetivo foi analisar a sobrevida específica de cinco anos e fatores associados para câncer de boca no Brasil. Trata-se de coorte retrospectiva, cuja fonte de dados foi a Base Onco, que realizou o relacionamento probabilístico-determinístico de todos os registros de autorização para radioterapia e/ou quimioterapia pelo Sistema Único de Saúde, entre 2000 e 2006, gerando-se cadastro único para cada paciente. O presente estudo incluiu os pacientes diagnosticados entre 2002 e 2003 com câncer de boca, exceto lábio, e idade entre 19 e 100 anos (N = 6.180. A taxa de sobrevida específica em cinco anos foi de 60%. Foram associados à menor sobrevida específica: ter idade > 40 anos; apresentar estádio III ou IV; localização em língua, assoalho de boca e base de língua; não realizar tratamento cirúrgico, realizar somente quimioterapia ou radioterapia e quimioterapia e residir em determinados estados do Brasil. Os resultados reforçam a necessidade de incluir a avaliação das disparidades dos territórios de planejamento como possibilidade para incrementar as ações de saúde e melhorar os indicadores de sobrevida.

  18. Prevalência e fatores de risco associados à infecção por Chlamydophila abortus em granjas suinícolas tecnificadas no Estado de Alagoas, Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rômulo M. B. Valença

    2011-01-01

    Full Text Available Objetivou-se com este estudo calcular a prevalência e identificar os fatores de risco associados à infecção por Chlamydophila abortus em suínos criados em granjas tecnificadas no Estado de Alagoas, Brasil. Para compor a amostra do estudo foram utilizados 342 suínos, sendo 312 matrizes e 30 varrões oriundos de sete granjas de ciclo completo e distribuídas em cinco municípios do Estado de Alagoas. O diagnóstico sorológico da infecção por C. abortus foi realizado através da microtécnica de Fixação do Complemento (RFC. A análise dos fatores de risco foi realizada por meio da aplicação de questionários investigativos, constituídos por perguntas objetivas referentes ao criador, às características gerais da propriedade, ao manejo produtivo, reprodutivo e sanitário. Observou-se prevalência de 10,5% (36/342 de suínos soropositivos para a infecção por C. abortus, com 85,8% das granjas analisadas com animais positivos. As variáveis que demonstraram associação significativa foram: utilização de bebedouros comuns para jovens e adultos (p=0,024; OR=10,83; IC=1,36-86,03 e método de cobertura de monta natural associada à inseminação artificial (p=0,05; OR=7,62; IC=1,00-58,31. Relata-se a primeira ocorrência de anticorpos anti-C. abortus em suínos no Brasil. Fatores como a introdução de reprodutores nos plantéis e a forma de fornecimento de água foram evidenciados como facilitadores da infecção das matrizes neste estudo. Dessa forma, medidas de controle da infecção devem ser enfocadas nesse aspecto para evitar a disseminação do agente nas granjas suinícolas e em outros plantéis da região.

  19. Fatores de risco comportamentais acumulados para doenças cardiovasculares no sul do Brasil Factores de riesgo conductuales acumulados en enfermedades cardiovasculares en el sur de Brasil Accumulated behavioral risk factors for cardiovascular diseases in Southern Brazil

    OpenAIRE

    Ludmila Correa Muniz; Bruna Celestino Schneider; Inácio Crochemore Mohnsam da Silva; Alicia Matijasevich; Iná Silva Santos

    2012-01-01

    OBJETIVO: Estimar a prevalência e identificar fatores associados ao acúmulo de comportamentos de risco para doenças cardiovasculares entre adultos. MÉTODOS: Estudo transversal de base populacional com amostra representativa de 2.732 adultos de ambos os sexos de Pelotas, RS, em 2010. Os fatores de risco comportamentais investigados foram: tabagismo; inatividade física no lazer; consumo habitual de gordura aparente da carne; e consumo diário de embutidos, carne vermelha e leite integral. O desf...

  20. Mudança na produtividade dos fatores de produção da cafeicultura nas principais regiões produtoras do Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marília F. Maciel Gomes

    2005-12-01

    Full Text Available Neste trabalho, estudam-se a transformação no comportamento produtivo da cafeicultura e as relações existentes no mercado de fatores nos Estados de Minas Gerais e São Paulo, no período de 1975 a 2001. Especificamente, avalia-se a sensibilidade do uso dos insumos a alterações nos preços, assim como a interdependência no mercado dos fatores produtivos. Para tanto, utilizou-se a elasticidade de substituição de Allen. As despesas com insumos e mão-de-obra apresentaram as maiores parcelas dos custos operacionais unitários de produção em Minas Gerais e São Paulo. Em relação à substitutibilidade/complementaridade entre os fatores em Minas Gerais, nota-se que havia relação de complementaridade entre aluguel da terra e operações com máquinas, terra e mão-de-obra, e entre máquinas e insumos, e relação de substitutibilidade entre os demais fatores. Já no Estado de São Paulo, observa-se que os fatores aluguel da terra e mão-de-obra foram complementares e os demais substitutos entre si.This paper aimed to study the production behavior of the coffee production and the existing relationships in the factor markets in the States of Minas Gerais and São Paulo, during the period from 1975 to 2001. Specifically, it is evaluated the sensitiveness of the input use in response to price changes, as well as the interdependence with the production factor market. For that, the Allen elasticity of substitution approach was used. The input and labor expenditures presented the highest share of the average operational production costs in Minas Gerais and São Paulo. With respect to the substitutability/complementarity among the production factors in the Minas Gerais State, the result suggested that there was a complementarity relationship between land rent and machinery operations; land and labor; machinery and input uses, and a substitutability relationship among the other production factors. On the other hand, for the São Paulo State, it

  1. Representações sociais do medicamento genérico por consumidores residentes em Natal, Rio Grande do Norte, Brasil Social representations of generic drugs by consumers from Natal, Rio Grande do Norte, Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria Cleide Ribeiro Dantas de Carvalho

    2006-03-01

    Full Text Available O trabalho objetivou determinar os núcleos central e periférico das representações sociais do medicamento genérico por consumidores, estabelecendo mecanismos que poderão ser utilizados no aprimoramento da política desse tipo de medicamento no Brasil. A pesquisa foi realizada no período de abril de 2002 a fevereiro de 2003, na Cidade do Natal, Rio Grande do Norte, com quatrocentos consumidores. O teste utilizado foi o de associação de palavras, e o estímulo indutor, as palavras medicamento genérico. Foi solicitada a evocação de três palavras, de acordo com a estratégia de acesso ao Núcleo Central de Vergès. A análise dos dados foi realizada com o auxílio do programa EVOC 2000 e da análise de conteúdo preconizada por Bardin. Os resultados demonstraram que o núcleo central era composto pelas categorias preço, qualidade e equivalência farmacêutica, e o sistema periférico, representado pelas categorias opção, eficácia, governo, benefício social e acessibilidade.This paper aimed to determine the central and peripheral roles of consumers' social representations concerning generic drugs, establishing mechanisms that could be used to improve policies for this type of medication in Brazil. The research was done from April 2002 to February 2003 in the city of Natal, Rio Grande do Norte, with 400 consumers. The study employed the word association test with the words "generic drug" as the inductive stimulus. Evocation of three words was requested, according to the access strategy to Vergès' Central Nucleus. Data analysis used the EVOC 2000 software and the content analysis proposed by Bardin. The results demonstrated that the central nucleus consisted of the categories price, quality, and pharmaceutical equivalence, while the peripheral system was represented by the categories option, effectiveness, government, social benefit, and accessibility.

  2. Estado nutricional de grupamentos sociais da área metropolitana de São Paulo, Brasil Nutritional status of social groups in greater metropolitan São Paulo, Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ignez Salas Martins

    1999-01-01

    Full Text Available O presente trabalho tem como objetivo caracterizar a prevalência de baixo peso e obesidade em grupamentos (estratos sociais da Área Metropolitana de São Paulo, Brasil. O estado nutricional foi definido pelo Índice de Massa Corporal (IMC. As prevalências de desnutrição energético-protéica foi de 3,9% nos homens e 6,2% nas mulheres. O sobrepeso variou de 27,5% a 34,0 %, nos homens e de 25,8% a 43,6%, nas mulheres. A obesidade, nos homens, variou de 2,5% a 11,1%.; nas mulheres de 7,1% a 28,5%. Nestas o excesso de peso apresentou aumento brusco após os 40 anos de idade, com diferenciais estatisticamente significantes (pThis paper focuses on prevalence of nutritional status (Body Mass Index, BMI in social groups in Greater Metropolitan São Paulo, in Southeastern Brazil. The population was stratified in four socioeconomic groups. Prevalence of malnutrition (BMI 25.0 kg/m2 and obesity (BMI > or = 30.0kg/m2 were calculated. Prevalence of malnutrition was 3.9% in men and 6.2% in women. Prevalence of overweight ranged from 27.5% to 34.1% in men and from 25.8% to 43.6% in women. Obesity ranged from 2.5% to 11.1% in men and from 7.1% to 20.5 in women. Prevalence of overweight and obesity was greater among women than men (p 25.0 kgm/2, the study showed that prevalence in men was 43, 51, 35, and 30% for strata I, II, III, and IV, respectively. Among women, prevalence was 12, 61, 55 and 46% for strata I, II, III, and IV, respectively. In women there were an abrupt increase in excess weight just before 40 years of age. A high percentage of overweight and obesity was observed in all population groups.

  3. Fatores de risco para o câncer de esôfago: estudo caso-controle em área metropolitana da região Sudeste do Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Suely Godoy Agostinho Gimeno

    1995-06-01

    Full Text Available A associação do câncer de esôfago com os hábitos de fumar e beber, escolaridade e fatores nutricionais foi verificada em um estudo epidemiológico tipo caso-controle, conduzido no Município de São Paulo (Brasil. Oitenta e cinco casos foram comparados com 292 controles hospitalares, com diferentes diagnósticos, inclusive outros tipos de câncer. Estimativas brutas, por ponto e por intervalo, dos odds ratios, foram obtidas para as variáveis de estudo. Com base nos resultados da análise bruta, foram selecionadas oito variáveis para a utilização de análise logística multivariada. O modelo final sugere que tanto o hábito de beber [odds ratio = 3,68; intervalo com 95% de confiança (1,74 - 7,78], como o de fumar [odds ratio = 4,86; intervalo com.95% de confiança (1,95 - 12,13] e o consumo freqüente de pimenta [odds ratio = 2,48; intervalo com 95% de confiança (1,46 - 4,23] são fatores de risco importantes para a doença. Obteve-se odds ratio 3,43 (1,31 - 8,97 para o hábito de fumar cigarro comum e odds ratio 4,18 (1,38 - 12,66 para cigarro de palha.

  4. Fatores de risco para o câncer de esôfago: estudo caso-controle em área metropolitana da região Sudeste do Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Gimeno Suely Godoy Agostinho

    1995-01-01

    Full Text Available A associação do câncer de esôfago com os hábitos de fumar e beber, escolaridade e fatores nutricionais foi verificada em um estudo epidemiológico tipo caso-controle, conduzido no Município de São Paulo (Brasil. Oitenta e cinco casos foram comparados com 292 controles hospitalares, com diferentes diagnósticos, inclusive outros tipos de câncer. Estimativas brutas, por ponto e por intervalo, dos odds ratios, foram obtidas para as variáveis de estudo. Com base nos resultados da análise bruta, foram selecionadas oito variáveis para a utilização de análise logística multivariada. O modelo final sugere que tanto o hábito de beber [odds ratio = 3,68; intervalo com 95% de confiança (1,74 - 7,78], como o de fumar [odds ratio = 4,86; intervalo com.95% de confiança (1,95 - 12,13] e o consumo freqüente de pimenta [odds ratio = 2,48; intervalo com 95% de confiança (1,46 - 4,23] são fatores de risco importantes para a doença. Obteve-se odds ratio 3,43 (1,31 - 8,97 para o hábito de fumar cigarro comum e odds ratio 4,18 (1,38 - 12,66 para cigarro de palha.

  5. Hospitalização por pneumonia: influência de fatores socioeconômicos e gestacionais em uma coorte de crianças no Sul do Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    César Juraci A.

    1997-01-01

    Full Text Available OBJETIVO: Investigar a influência de fatores socioeconômicos e gestacionais sobre a hospitalização por pneumonia no período pós-neonatal. MATERIAL E MÉTODO: Longitudinal. Crianças com idade entre 28 e 364 dias, nascidas na cidade de Pelotas, RS (Brasil, em 1993. A definição de caso foi a permanência em ambiente hospitalar por um período igual ou superior a 24 horas em conseqüência de pneumonia. Foi aplicado delineamento longitudinal. RESULTADOS: Dentre as 5.304 crianças da coorte, 152 (2,9% foram hospitalizadas por pneumonia no período. O valor preditivo positivo do diagnóstico clínico comparado com o radiológico alcançou 76%. A análise através de regressão logística mostrou que a classe social e a escolaridade materna estiveram forte e inversamente associadas à admissão hospitalar. Filhos de mães adolescentes tiveram risco duplicado à internação; paridade igual ou superior a três representou risco 2,8 vezes maior em relação às mães primíparas; ganho de peso inferior a 10 kg durante a gestação implicou risco cerca de 40% maior à hospitalização. CONCLUSÕES: A classe social e a escolaridade materna foram os principais determinantes da hospitalização. Idade e paridade materna e o ganho de peso durante a gestação foram também fatores de risco importantes.

  6. Fatores associados com o comportamento sexual e reprodutivo entre adolescentes das regiões Sudeste e Nordeste do Brasil Factors associated with sexual and reproductive behavior among adolescents from the Northeast and Southeast regions of Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Iúri da Costa Leite

    2004-04-01

    Full Text Available Neste artigo são analisados os fatores associados com o comportamento sexual e reprodutivo das adolescentes das regiões Nordeste e Sudeste do Brasil. A análise é implementada focando três dimensões deste processo: a iniciação sexual, o uso de métodos anticoncepcionais na primeira relação sexual e fecundidade. Modelos hierárquicos são implementados, pois adolescentes selecionadas de uma mesma comunidade devem ter comportamento sexual e reprodutivo mais semelhantes do que adolescentes selecionadas de áreas diferentes. O nível educacional da adolescente revelou-se o fator de risco mais importante nas três análises implementadas. Adolescentes com cinco ou mais anos de escolaridade são menos prováveis de ter a primeira relação sexual na adolescência; mais propensas a usar métodos anticoncepcionais nesta relação e apresentam menores riscos de ter filhos, quando comparadas com adolescentes com menos de cinco anos de escolaridade.This article calls attention to factors associated with sexual and reproductive behavior among adolescents from the Northeast and Southeast regions of Brazil. The analyses focus on three dimensions of this process: sexual initiation, use of contraceptives in the first sexual relationship, and fertility. Hierarchical models are implemented, because adolescents selected from the same community are more likely to have similar sexual and reproductive behavior than those from different communities. Level of schooling was the most important risk factor in the three analyses. Girls with 5 or more years of schooling were less likely to have their first sexual relationship during adolescence and more likely to use contraceptive methods in this relationship, besides demonstrating less risk of having children than their counterparts with less than 5 years of schooling.

  7. Duração do aleitamento materno, regime alimentar e fatores associados segundo condições de vida em Salvador, Bahia, Brasil Breastfeeding duration, infant feeding regimes, and factors related to living conditions in the city of Salvador, Bahia, Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Lucivalda P. Magalhães de Oliveira

    2005-10-01

    Full Text Available Este trabalho tem como objetivo conhecer a duração do aleitamento materno, regime alimentar e fatores associados segundo condições de vida em Salvador, Bahia, Brasil. Este estudo de prevalência envolve 811 crianças menores de 24 meses. Para analisar os dados utilizou-se análise de sobrevivência, qui-quadrado de Pearson e regressão logística. A duração mediana do aleitamento exclusivo, predominante e total foi de 30,6, 73 e 131,5 dias, respectivamente. Identificou-se que 83,3% das crianças tiveram interrupção precoce do aleitamento exclusivo ou predominante. As crianças de famílias com condições de vida consideradas baixas tinham 2,3 vezes mais chances (IC95%: 1,09-5,01 de consumirem alimentos complementares precocemente; essa chance se elevou para 2,5 (IC95%: 1,20-5,34 entre aquelas de famílias com condições de vida muito baixas. A interrupção precoce do aleitamento exclusivo ou predominante associou-se com a maternidade em idade precoce e as precárias condições de vida das crianças e suas famílias. Programas direcionados à promoção da prática adequada do aleitamento materno e adoção da alimentação saudável na infância devem considerar a relevância dos fatores sociais envolvidos no oferecimento precoce de alimentos complementares à criança.This cross-sectional study aimed to identify breastfeeding duration, infant feeding regimes, and factors related to living conditions among 811 children under 24 months of age in Salvador, Bahia, Brazil. Data were statistically analyzed by survival analysis, Pearson's chi-square test, and multivariate logistic regression. Median duration of exclusive, predominant, and total breastfeeding was 30.6, 73.0, and 131.5 days, respectively. Exclusive or predominant breastfeeding was discontinued in 83.6% of the subjects. Children with poor living conditions were 2.3 times more likely (95%CI: 1.09-5.01 to receive early supplementary food, whereas the figure for the very poor

  8. Coocorrência de violência física e psicológica entre adolescentes namorados do recife, Brasil: prevalência e fatores associados

    OpenAIRE

    2013-01-01

    Os objetivos foram estimar a prevalência de perpetração de violência física e psicológica entre adolescentes namorados de Recife, identificar fatores associados e a coocorrência de ambos os tipos de violência. Participaram do estudo 302 adolescentes de escolas públicas e particulares, com idade entre 15 e 19 anos, que tiveram algum relacionamento amoroso no último ano e esses preencheram o questionário. Foram realizadas análise univariada e regressão logística e todas as análises estatísticas...

  9. Pré-hipertensão, hipertensão arterial e fatores associados em pacientes odontológicos: estudo transversal na cidade de Santa Maria-RS, Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Kívia Linhares FERRAZZO

    Full Text Available INTRODUÇÃO: A hipertensão arterial sistêmica é um dos mais importantes fatores de risco de doenças cardiovasculares e uma das doenças crônicas mais prevalentes no Brasil e na população mundial.OBJETIVO: Avaliar a prevalência de hipertensão e pré-hipertensão, fatores associados e adesão ao tratamento anti-hipertensivo em uma amostra de pacientes odontológicos de uma faculdade particular do Rio Grande do Sul, Brasil.MATERIAL E MÉTODO: Participaram deste estudo 250 pacientes de ambos os gêneros, com idade igual ou superior a 18 anos. Foram obtidos dados demográficos, história de hipertensão arterial e outras doenças sistêmicas, informações sobre o uso de medicação anti-hipertensiva e tabagismo, e realizadas medidas antropométricas. A adesão ao tratamento foi avaliada pelo teste de Morisky e Green. Três aferições de pressão arterial foram realizadas por um Cirurgião-Dentista e a medição média das últimas duas tomadas foi utilizada na presente análise.RESULTADO: A idade média dos pacientes foi de 46,6 (±13,8 anos. Trinta por cento apresentavam pré-hipertensão e 36%, hipertensão arterial sistêmica. Destes, 28,9% não conheciam sua condição de hipertensão. A hipertensão mostrou associação estatisticamente significante com aumento da idade (p<0,001 e diabetes (p=0,009. Dentre os pacientes em tratamento anti-hipertensivo, 58,1% não eram aderentes, enquanto 41,9% não estavam com a pressão arterial controlada.CONCLUSÃO: Na presente amostra, observou-se uma alta prevalência de pré-hipertensão e hipertensão não diagnosticadas, bem como alta taxa da doença não controlada. Estes resultados apontam para a importância da aferição da pressão arterial rotineiramente durante as visitas odontológicas.

  10. Prevalence and risk factors for stroke in a population of Southern Brazil Prevalência e fatores de risco para AVC numa população do sul do Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Leslie Copstein

    2013-05-01

    Full Text Available Stroke is the leading cause of death in many countries of Latin America. Population studies are necessary in this region. Objectives: To evaluate the prevalence of stroke and its risk factors in a population of vulnerable communities of southern Brazil. Methods: Population-based crosssectional study with systematic sampling. Individuals aged 20 and over were included (n=3,391. Individuals with previous diagnosis of stroke or identified by a validate stroke questionnaire were compared with those without stroke in many variables. Results: 285 individuals (8.4% had previous stroke. The group without stroke showed greater average of years of study than the group with stroke (p≪0.001. Multivariable analysis identified as risk factors for stroke (p≪0.05: age from 40 to 59, age from 60 to 79, widowhood, present smoking, previous smoking, hypertension and ischemic heart disease. Conclusion: The findings in this population indicate the need of preventive cost-effective public health policies in Brazil.O acidente vascular cerebral (AVC é a principal causa de morte em muitos países da América Latina. Objetivos: Avaliar prevalência e fatores de risco para AVC em população de comunidades vulneráveis no sul do Brasil. Métodos: Estudo transversal de base populacional com amostragem sistemática. Foram incluídos os indivíduos a partir de 20 anos de idade (n=3.391. Indivíduos com prévio diagnóstico de AVC ou identificados por questionário validado para AVC foram comparados àqueles sem AVC em diversas variáveis. Resultados: 285 indivíduos (8,4% referiram AVC prévio. O grupo sem AVC teve maior média de anos de estudo que o grupo com AVC (p≪0,001. Foram identificados como fatores de risco para AVC (p≪0,05: idade de 40 a 59 anos, idade de 60 a 79 anos, viuvez, tabagismo no presente, tabagismo no passado, hipertensão arterial sistêmica e doença isquêmica do coração. Conclusão: São necessárias no Brasil políticas de saúde p

  11. Risk factors for preterm births in São Luís, Maranhão, Brazil Fatores de risco para prematuridade em São Luís, Maranhão, Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Vânia Maria de Farias Aragão

    2004-02-01

    Full Text Available Preterm birth continues to be one of the main causes of neonatal morbidity and mortality. The objective of the present study was to identify risk factors for preterm birth in São Luís, Maranhão, Brazil. The sample consisted of hospital births at 10 public and private hospitals from March 1, 1997 to February 28, 1998. A total of 2,443 live births were randomly selected, excluding multiple deliveries and stillbirths. Preterm birth rate in São Luís was 12.7%. Risk factors for preterm delivery were maternal age below 18 years, family income equal to or less than one minimum wage/ month, primiparity, vaginal delivery at a public hospital, single mothers (or living without a partner, and absence of prenatal care. The following factors remained associated with preterm birth after multivariate analysis to control for confounding: maternal age below 18 years (OR = 1.9, primiparity (OR = 1.5, and failure to appear for scheduled prenatal care visits (OR = 1.5.A prematuridade continua sendo uma das principais causas de morbidade e mortalidade neonatal. O presente estudo tem como objetivo identificar os fatores de risco para a prematuridade em São Luís, Maranhão, Brasil. Foi estudada uma amostra de partos hospitalares ocorridos em dez hospitais públicos e privados no período de 1º de março de 1997 a 28 de fevereiro de 1998. Foram selecionados 2.443 nascidos vivos de forma aleatória, sendo excluídos os nascimentos de partos múltiplos e os natimortos. A incidência de nascimentos pré-termo em São Luís foi de 12,7%. Os fatores de risco para a prematuridade foram: idade materna menor de 18 anos, renda familiar menor ou igual a um salário mínimo, primiparidade, nascer em hospital público e de parto vaginal, viver sem companheiro, e não ter feito pré-natal. Após análise multivariável para controle dos fatores de confundimento, permaneceram associados ao nascimento prematuro: idade materna menor de 18 anos (OR = 1,9, primiparidade (OR = 1

  12. Peso corporal e estado hídrico de triatletas no Ironman Brasil: Um fator de correção

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Roberto Lemos

    2015-08-01

    Full Text Available INTRODUÇÃO: O triatlo Ironman é uma prova de longa duração em que comumente se observam alterações hidroeletrolíticas. A desidratação e hiponatremia são prevalentes e o diagnóstico diferencial entre elas deve levar em conta a variação de peso corporal do atleta. Contudo, deve-se considerar também que as variações são um somatório de fontes hídricas e não hídricas, sendo necessário aplicar um fator de correção para avaliação do real estado hídrico do atleta. Objetivo: Avaliar o estado hídrico do atleta baseado nas variações de peso corporal sem e com aplicação de fator de correção.MÉTODO: Vinte e seis atletas foram pesados em três momentos distintos (dois dias antes da prova, imediatamente antes e após a realização. O estado hídrico foi classificado com base no cálculo da variação percentual de peso corporal isolado e com aplicação do fator de correção de 1 kg proporcional ao atleta de 70 kg. Além disso, foram registrados os principais sinais clínicos e sintomas referidos.RESULTADOS: Nas 48 horas que antecederam a largada houve um ganho médio de peso de 1,2 kg. Após a prova, vinte e três (88,4% atletas foram classificados como desidratados inicialmente, porém após a aplicação do fator de correção à variação do peso, esse número caiu para 12 (46,1%. Dos classificados como desidratação severa houve redução de 7 (26,2% para nenhum atleta. Dez atletas (3,8% apresentaram sinais e sintomas de desidratação.CONCLUSÃO: A classificação do estado de hidratação baseado nas perdas hídricas durante a prova foi significativamente modificado pela aplicação do fator de correção, sendo sua utilização justificada pelas evidências de que o ganho de peso nas 48 horas anteriores à prova está possivelmente relacionado ao acúmulo muscular de glicogênio e água (fontes não hídricas intravasculares.

  13. Comportamentos de risco para transtornos do comportamento alimentar entre adolescentes do sexo feminino de diferentes estratos sociais do Nordeste do Brasil Risk behaviors for eating disorders among female adolescents from different social strata in the Brazilian Northeastern

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Antonio Maia Olsen do Vale

    2011-01-01

    Full Text Available Este estudo procurou estimar a prevalência de transtornos do comportamento alimentar (TCA e identificar fatores de risco entre adolescentes do sexo feminino em Fortaleza (Ceará, Brasil. Realizou-se um estudo seccional com 652 estudantes secundaristas (14-20 anos usando-se o Teste de Investigação Bulímica de Edimburgo (BITE. Aplicou-se um modelo de regressão logística. Cerca de um quarto das participantes apresentou padrão alimentar de risco e práticas de controle de peso; em 1,2% encontraram-se indícios de TCA instalado. Medo de engordar foi relatado por 62%, independentemente de estudarem em colégios públicos ou particulares (p>0,05, mas uso de práticas de risco foi superior naquelas procedentes de escolas particulares (pThis study sought to estimate the prevalence of eating disorders (ED and identify risk factors among female adolescents in Fortaleza, Ceará, Brazil. It was conducted a sectional study with 652 high school students (14-20 years using the Bulimic Investigatory Test of Edinburgh (BITE. A logistic regression model was applied. Approximately one quarter of participants showed risk eating pattern and control weight practices, among 1.2% signs of an installed ED were found. Fear of weight gain was reported by 62% of adolescents, independently if studying at public or private schools (p>0.05, but the use of risk practices was higher among private schools students (p<0.05. Not having a religion (OR: 2.2, 95%CI: 1.1-4.2 and studying in private school (OR: 1.7, 95%CI: 1.2-2.5 were associated with an increased risk of ED. The ED emerge as a public health problem even in the poor areas of Brazil and the desire for a thin body was not differentiated between different social strata, although the risk practices are significantly higher among respondents from private schools. Subjective and cultural aspects are presented not only as risk factors, but also as protectors.

  14. Ocorrência de parasitos gastrointestinais e fatores de risco de parasitismo em gatos domésticos urbanos de Santa Maria, RS, Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Felipe Lamberti Pivoto

    2013-08-01

    Full Text Available Neste trabalho, verificou-se a ocorrência de parasitos gastrointestinais em gatos urbanos domiciliados no município de Santa Maria, RS, no período de março a junho de 2011. Além disso, foram avaliados os fatores de riscos relacionados com a infecção dos parasitos gastrointestinais. Coletou-se 191 amostras de fezes de felinos para a realização de exames coproparasitológico e aplicado um questionário epidemiológico aos proprietários, contendo questões relativas aos hábitos e manejo dos seus animais. Das amostras fecais analisadas, 47,1% (90/191 foram positivas para um ou mais parasitas gastrointestinais, sendo 33,5% (64/191 identificadas como mono-infecção e 13,6% (26/191 como multi-infecção. Toxocara spp. (18,8% e Giardia spp. (4,2% foram os principais parasitos encontrados na mono-infecção. Na multi-infecção, as principais associações de parasitos detectadas incluíram: Ancylostoma spp. + Toxocara spp. (3,1% e Cystoisospora spp. + Cryptosporidium spp. + Giardia spp. + Toxoplasma spp. + Toxocara spp. (1,5%. Os dados epidemiológicos foram submetidos ao teste qui-quadrado, Fischer, análise da relação de chances (OR, também analisada a relação entre os diferentes fatores epidemiológicos e a presença de parasitos gastrointestinais (P>0,05. Os principais fatores de risco identificados foram: a escolaridade dos proprietários e a frequência de realização de tratamentos antiparasitários, os quais exerceram influência direta na ocorrência de parasitos gastrointestinais. Os dados obtidos contribuem para o conhecimento da epidemiologia das parasitoses gastrointestinais, bem como poderão auxiliar médicos veterinários e proprietários na elaboração de estratégias de controle e profilaxia antiparasitária para gatos domésticos.

  15. Social and environmental factors associated with the hospitalization of tuberculosis patients Los factores sociales y ambientales asociados a la hospitalización de los pacientes con tuberculosis Fatores sociais e ambientais associados à hospitalização de pacientes com tuberculose

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Nathália França de Oliveira

    2013-04-01

    ingresos inferiores a un salario mínimo (EE.UU. $ 200 y los jubilados, Programa Bolsa Família [Asignación Familiar] / otras prestaciones sociales fue significativa. En cuanto a los factores ambientales, la asociación fue significativa para TB-VIH-SIDA entre las personas que no tenían casa, que tenían una vivienda de mampostería y que había recolección de basura diariamente, y entre los no-co-infectados, ser dueño de su propia casa, sin viviendas de mampostería y la falta de recolección de basura diaria fue significativa. CONCLUSIÓN: Los resultados indicaron que no sólo los factores sociales, sino también los ambientales están asociados a la hospitalización de los pacientes con tuberculosis, y estas asociaciones difieren de acuerdo con la correlación TB-VIH-SIDA. OBJETIVO: identificar os fatores sociais e ambientais associados à hospitalização de pacientes com tuberculose, em Manaus, Amazonas, em 2010. MÉTODOS: trata-se de estudo epidemiológico transversal e quantitativo, com coleta de dados primários e análise do vírus da imunodeficiência humana, com base na soropositividade. RESULTADOS: entre os fatores sociais para a coinfecção tuberculose/vírus da imunodeficiência humana, foi significativa a associação entre o uso e dependência de álcool de trabalhadores empregados e entre os não coinfectados, a associação entre renda inferior a um salário-mínimo (200 dólares norte-americanos e aposentados, Programa Bolsa Família/outros benefícios sociais foi significativa. Em relação aos fatores ambientais, a associação foi significativa para coinfecção tuberculose/vírus da imunodeficiência humana entre aqueles que não têm a sua própria casa, tendo habitação de alvenaria e coleta de lixo diária, e entre os não coinfectados, possuindo sua própria c

  16. A gastronomia como fator de influência na escolha de destinações turísticas – base de estudo balneário Camboriú (SC-Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rodolfo Wendhausen Krause

    2016-01-01

    Full Text Available Este estudo busca avaliar quais os fatores relacionados à gastronomia que influenciam o turista a escolher um determinado destino turístico. Busca-se, também, identificar como a gastronomia é vista em relação à cultura da localidade: o turista vê na gastronomia uma forma de conhecer a cultura local? Esse fato é significativo na escolha de uma destinação? As respostas foram obtidas através de uma metodologia hipotético-dedutiva aliada à estatística descritiva, com a aplicação de um instrumento de pesquisa resultando em 400 entrevistas estruturadas e questionários válidos para cada ano. A pesquisa cobriu os verões de 2006 e 2011 no município de Balneário Camboriú, Santa Catarina, Brasil. Como principal resultado foi criado um agrupamento de turistas por características relacionadas aos aspectos da alimentação, que permitiu a elaboração dos conceitos Cliente Gourmet , Cliente Apreciador e Cliente Alimentação, cada um desses com uma percepção específica sobre a importância da gastronomia e da cultura para o turismo.

  17. Fatores associados ao desenvolvimento neuropsicomotor em crianças de 6-18 meses de vida inseridas em creches públicas do Município de João Pessoa, Paraíba, Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ângela Cristina Dornelas da Silva

    2015-09-01

    Full Text Available O estudo objetivou verificar a prevalência de alteração no desenvolvimento neuropsicomotor em lactentes inseridos nas creches públicas de João Pessoa, Paraíba, Brasil, e analisar fatores associados ao desenvolvimento infantil. Realizou-se um estudo seccional com o censo de crianças entre 6 e 18 meses de vida inseridas nas creches. O desenvolvimento infantil foi avaliado pelo Teste de Triagem de Denver II. Variáveis de natureza biológica, materna, social, demográfica e relativas à creche foram investigadas através de questionário e formulário. As associações foram ajustadas por regressão logística. A prevalência de alteração no desenvolvimento foi 52,7%. Associou-se à alteração no desenvolvimento a criança ter mais que 12 meses de idade (RC = 4,3, o parto vaginal (RC = 4,4, a fototerapia (RC = 7,9 e a creche não ter apoio da Estratégia Saúde da Família (RC = 2,9. Os achados sugerem que o desenvolvimento infantil é o reflexo das condições familiares, bem como da assistência recebida pelos serviços de educação e saúde.

  18. Anemia e nível de hemoglobina como fatores prognósticos da mortalidade entre idosos residentes na comunidade: evidências da Coorte de Idosos de Bambuí, Minas Gerais, Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Clarice Lima Álvares da Silva

    2013-11-01

    Full Text Available O objetivo deste trabalho foi examinar a influência de baixos níveis de hemoglobina (Hb e anemia na mortalidade entre idosos ao longo de dez anos de seguimento (1997 a 2007. Entre os 1.742 idosos participantes da linha de base da coorte de Bambuí, Minas Gerais, Brasil, 1.322 (82,3% foram acompanhados pelo tempo médio de 8,9 anos. A probabilidade de sobrevida foi estimada pelo método de Kaplan-Meier e o modelo de riscos proporcionais de Cox foi utilizado, estimando-se os hazard ratios (HR e intervalos de 95% de confiança (IC95%, considerando-se os potenciais fatores de confusão. Idosos anêmicos e com baixos níveis de Hb (primeiro tercil apresentaram maior risco de óbito (HR = 2,63; IC95%: 1,83-3,76 e HR = 1,38; IC95%: 1,07-1,79, respectivamente comparados aos não anêmicos e aos de maior nível de Hb. Os resultados demonstram que a ocorrência de anemia e/ou baixos níveis de Hb (independente do diagnóstico de anemia devem ser interpretados e tratados como determinante independente da mortalidade nessa população idosa.

  19. Prevalência e fatores associados à presença de anemia em idosos do município de Viçosa (MG), Brasil

    OpenAIRE

    Clarice Santana Milagres; Keila Bacelar Duarte de Moraes; Sylvia Carmo Castro Franceschini; Luciana Ferreira Rocha Sant’Ana; Luciana Moreira Lima; Andréia Queiroz Ribeiro

    2015-01-01

    Resumo A anemia é o problema hematológico mais comum encontrado na população idosa. Com objetivo de avaliar a prevalência e os fatores associados à anemia em idosos no município de Viçosa (MG), foi realizado um estudo transversal, de base populacional. Os dados foram coletados de junho a dezembro de 2009, mediante inquérito domiciliar e realização de exames bioquímicos em 349 idosos. A prevalência de anemia foi de 11,7% (IC95% 8,3%-15,1%) e mostrou-se mais elevada entre os homens (15,4%), ent...

  20. Fatores de risco para leptospirose, relacionados à atividade laboral em agricultores de arroz em uma cidade do nordeste do Brasil, 2008.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Patricia Pereira Vasconcelos de Oliveira

    2014-09-01

    Full Text Available Em 07/2008 o município de Várzea Alegre/CE notificou 350 casos suspeitos de leptospirose em agricultores de arroz e uma investigação foi realizada para identificar os fatores de risco. Um estudo de caso controle (1:2 de base populacional foi conduzido de janeiro a julho de 2008. O caso foi o individuo que apresentou titulo de anticorpos para leptospirose maior ou igual a 1:100 pelo método da soroaglutinação microscópica e o controle foi o individuo saudável que não apresentou títulos de anticorpos para leptospirose selecionado aleatoriamente. Entre os 85 casos identificados, 73(86% eram do sexo masculino; a mediana de idade foi de 19 anos (10-74 e mais de 60% dos casos referiram febre, mialgia, cefaleia e calafrios. No primeiro modelo teórico, ser do sexo masculino (OR:4;IC95%:2.3-9.4 e trabalhar na lavoura de arroz (OR:2.9;IC95%:2.1-6.8 foram associados a doença. No segundo modelo, usar roupas curtas (OR:5.3;IC95%:1.6-17.5 e mais de 8 horas trabalhados na lavoura (OR:3.9;IC95%:1.1-14.6 foram associados. Os principais fatores de risco identificados foram relacionados à atividade ocupacional e ao não uso de roupas de proteção individual e exposição prolongada ao ambiente de trabalho. Recomendamos o fortalecimento das políticas de saúde do trabalhador rural, aprimoramento do acesso desses agricultores às informações sobre os riscos e incentivá-los ao uso de equipamentos de proteção individual nas atividades de campo.

  1. Prevalência de queixas vocais e estudo de fatores associados em uma amostra de professores de ensino fundamental em Maceió, Alagoas, Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luciano Padilha Alves

    Full Text Available INTRODUÇÃO: A voz é o principal instrumento na vida profissional do professor, requerendo uma adaptação precisa dos órgãos da fonação. O desconhecimento da disfonia em professores de nossa região motivou esta pesquisa. OBJETIVOS: Avaliar a frequência de disfonia em professores do Ensino Fundamental da rede municipal em Maceió-AL e identificar sintomas associados às queixas vocais e possíveis fatores de risco ao aparecimento de alterações vocais. METODOLOGIA: Estudo transversal abrangendo 126 docentes selecionados aleatoriamente, avaliados a partir de entrevista, com aplicação de questionário dirigido, em 2008. RESULTADOS: Dos 126 professores avaliados, 87,3% referiram ocorrência de disfonia na docência. Observou-se relação entre carga horária semanal e presença de disfonia (p=0,0038. Em relação ao ambiente de trabalho, poeira e ambiente seco foram as queixas mais relatadas, ambas apresentando associação significativa (p<0,04. Os sintomas de obstrução nasal, prurido, tosse e dispepsia apresentaram relação com a presença de rouquidão. Não houve associação entre disfonia e tabagismo ou tabagismo passivo (p<0,6. CONCLUSÃO: O estudo permitiu concluir que existe elevada prevalência de disfonia no grupo estudado e que o comprometimento vocal na atividade docente está relacionado aos fatores ambientais, bem como a sintomas clínicos associados à rinopatia e ao refluxo gastroesofágico.

  2. Fatores relacionados à prevalência de morbidades psiquiátricas menores em mulheres selecionadas em um Centro de Saúde no Rio de Janeiro, Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Kac Gilberto

    2006-01-01

    Full Text Available O objetivo foi investigar fatores potencialmente associados às morbidades psiquiátricas menores, incluindo variáveis do estado nutricional materno. Foi estudada uma coorte com 479 mulheres entre 15 - 45 anos. O General Health Questionnaire (GHQ reduzido (12 itens foi aplicado, aos nove meses pós-parto, nas 312 mulheres que completaram o seguimento. A presença de morbidades psiquiátricas menores foi definida como valores do escore derivado do GHQ > 4 pontos, sendo analisada como variável dependente. As análises foram realizadas com modelos de regressão logística multivariados hierarquizados. A prevalência de morbidades psiquiátricas menores foi de 54,2% (IC95%: 48,6-59,7. Os resultados do modelo final revelaram que as seguintes variáveis permaneceram estatisticamente associadas: nível 1: renda familiar (1º quartil: OR = 2,71; IC95%: 1,42-5,19; 2º quartil: OR = 2,13; IC95%: 1,13-4,04; nível 3: gordura corporal > 30% (OR = 1,66; IC95%: 1,03-2,65. Conclui-se que a baixa renda e a obesidade foram os únicos fatores potencialmente associados à probabilidade de ocorrência de morbidades psiquiátricas menores, mesmo após o controle para variáveis de confusão, e que são escassos os estudos relacionando estado nutricional materno e morbidades psiquiátricas menores.

  3. Fatores de risco associados aos problemas dos leitões na fase de creche em rebanhos da região Sul do Brasil Risk factors associated with post-weaning pigs problems in herds of South region of Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    N. Morés

    2000-06-01

    Full Text Available Um experimento de pesquisa epidemiológica observacional foi realizado em 65 rebanhos da região Sul do Brasil, com o objetivo de identificar o conjunto de fatores de risco que melhor explicam a ocorrência de problemas com os leitões na fase de creche. Em cada rebanho acompanhou-se um lote de leitões durante as primeiras três semanas após o desmame, sendo avaliadas variáveis ligadas às instalações, à nutrição, ao manejo, ao ambiente e à saúde dos leitões. Na análise estatística dos dados foram utilizados métodos descritivos e multidimencionais. As variáveis objetivas usadas para descrever os problemas dos leitões na fase de creche foram: ganho de peso diário, coeficiente de variação do peso dos leitões aos 21 dias após o desmame, ocorrência de diarréia no lote, taxa de mortalidade e o uso de medicamentos curativos contra diarréia. Com essas variáveis elaborou-se uma variável sintética que discriminava as granjas em três categorias: boas, intermediárias e ruins. Dentre as variáveis explicativas, foram identificados 10 fatores de risco que melhor discriminaram os rebanhos estudados quanto a ocorrência de diarréia, mortalidade e desempenho dos leitões na fase de creche. Com isso, foi possível elaborar o perfil de granjas com alta tendência de apresentarem problemas com os leitões na fase de creche. Conclui-se que em muitos rebanhos da região Sul do Brasil existem vários fatores de risco que favorecem a ocorrência de problemas com os leitões na fase de creche, alguns deles sendo conseqüência da fase de maternidade.Epidemiological essay was carried out in 65 herds of southern Brazil, with the objective to identify risk factors that better explain the occurrence of problems with the pigs during post-weaning phase. In each herd, a batch of pigs was followed during the first three post-weaning weeks, when variables like building conditions, nutrition, management, environment and health were taken into

  4. Tutela administrativa efetiva dos direitos fundamentais sociais

    OpenAIRE

    Hachem, Daniel Wunder

    2014-01-01

    Resumo: A presente investigação parte do seguinte problema: após o advento da Constituição de 1988, a baixa efetividade dos direitos fundamentais sociais no Brasil suscitou, como reação da doutrina e da jurisprudência, uma centralização excessiva do debate em torno do Poder Judiciário como solução para a realização de tais direitos, notadamente pela via de ações judiciais individuais. Contudo, a atuação jurisdicional, embora muitas vezes seja de fato a única alternativa, tende a privilegiar d...

  5. Health education and social representation: an experience with the control of tegumentary leishmaniasis in an endemic area in Minas Gerais, Brazil Educação em saúde e representações sociais: uma experiência no controle da leishmaniose tegumentar em área endêmica de Minas Gerais, Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Dener Carlos dos Reis

    2006-11-01

    Full Text Available This study was developed in an endemic area of tegumentary leishmaniasis in Minas Gerais, Brazil, with the objective of analyzing a health education process based on the social representations theory. The educational model was developed in two phases with 34 local residents. In the first phase, social representations of leishmaniasis were identified and analyzed. The second phase was based on the interaction between social representations and scientific knowledge. The results showed that social representations were structured in a central core by the terms "wound" and "mosquito" and in the peripheral system by the terms "mountains", "standing water", and "injection" related respectively to place, transmission, and treatment of the disease. We concluded that tegumentary leishmaniasis is viewed as a wound caused by a mosquito, portrayed by metaphors. The results of the second phase showed that social representations are systems that favor adherence to scientific knowledge, at times more rigidly in the central core, other times more flexibly when linked to the peripheral systems.Desenvolvido em uma área endêmica em leishmaniose tegumentar, zona rural de Minas Gerais, Brasil, este estudo pretendeu analisar um processo educacional em saúde fundamentado na Teoria das Representações Sociais. Este modelo educativo foi desenvolvido em duas fases e destinado a 34 moradores da localidade. Na primeira fase, foram identificadas e analisadas as representações sociais vinculadas à doença. A segunda fase consistiu na interação entre as representações sociais e o conhecimento científico. Os resultados da primeira fase identificaram que as representações sociais estavam estruturadas no núcleo central pelos termos "ferida" e "mosquito", e no sistema periférico pelos termos "serra", "água parada" e "injeção" relacionados, respectivamente, a lugar, transmissão e tratamento da doença. Para os pesquisados, a leishmaniose tegumentar se

  6. Fatores associados ao baixo peso ao nascimento entre adolescentes no Sudeste do Brasil Factors associated with low birth weight among adolescents in the Brazil Southeast region

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fernanda Garanhani Castro Surita

    2011-10-01

    Full Text Available OBJETIVOS: Conhecer a prevalência e alguns fatores associados ao baixo peso ao nascer entre gestantes adolescentes. MÉTODOS: Estudo de corte transversal, realizado entre outubro de 1994 a dezembro de 2009, com os partos ocorridos em uma maternidade de Campinas, utilizando informações coletadas em uma Ficha Obstétrica Informatizada. Foram selecionados os casos de partos entre adolescentes e, posteriormente, separados em dois grupos com e sem baixo peso ao nascer. Foram calculados o risco relativo e o intervalo de confiança (IC de 95% para as variáveis independentes (fatores de risco, e calculou-se o teste do Χ2 para comparação dos resultados perinatais. Assumiu-se nível de significância de 5%. RESULTADOS: No período ocorreram 24.000 partos no Centro de Atenção à Saúde da Mulher (CAISM, com 2.404 em 2.357 adolescentes (10,02%, sendo a frequência de baixo peso ao nascer de 15,1%. A gestação neste grupo foi recorrente em 294 (8,2%. A idade menor que 15 anos, anemia, tabagismo e hipertensão não se associaram ao baixo peso ao nascer. O antecedente de aborto e a associação com lúpus eritematoso sistêmico elevaram o risco de baixo peso ao nascer. A necessidade de cesariana e o Apgar menor que sete também foram mais prevalentes entre as adolescentes com baixo peso ao nascer, e 85% das adolescentes realizaram menos de seis consultas durante o pré-natal. CONCLUSÕES: A prevalência de baixo peso ao nascer é maior entre as adolescentes do que na população geral. Também chamou a atenção o grande número de adolescentes com menos de seis consultas durante o pré-natal. O antecedente de aborto e a presença de lúpus eritematoso sistêmico foram fatores de risco para ocorrência de baixo peso ao nascer em gestantes adolescentes.PURPOSES: To determine the rate of low birth weight and some of the risk factors associated with this event among adolescents. METHODS: A cross-sectional study conducted between October 1994 and

  7. Prevalência e fatores associados à presença de anemia em idosos do município de Viçosa (MG, Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Clarice Santana Milagres

    2015-12-01

    Full Text Available Resumo A anemia é o problema hematológico mais comum encontrado na população idosa. Com objetivo de avaliar a prevalência e os fatores associados à anemia em idosos no município de Viçosa (MG, foi realizado um estudo transversal, de base populacional. Os dados foram coletados de junho a dezembro de 2009, mediante inquérito domiciliar e realização de exames bioquímicos em 349 idosos. A prevalência de anemia foi de 11,7% (IC95% 8,3%-15,1% e mostrou-se mais elevada entre os homens (15,4%, entre idosos com 80 anos e mais (30,0% e naqueles que praticavam polifarmácia (16,8%. Os resultados evidenciaram determinantes de anemia semelhantes ao observado em países desenvolvidos. A real necessidade da polifarmácia deve ser avaliada na atenção à saúde dos idosos, com vistas a prevenir iatrogenias, dentre as quais a anemia está incluída.

  8. O Papel de Condutores Ambientais Locais e de Cursos de Capacitação no Ecodesenvolvimento Turístico e as Expectativas Sociais no Sul do Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Claudia Hickenbick

    2012-04-01

    Full Text Available ResumoQuem é o condutor ambiental local e qual é a sua função frente à natureza, ao turismo e à sociedade? Estas são questões primordiais que norteiam a estruturação e a execução de cursos de capacitação profissional para esse perfil, influenciando tanto a visão da sociedade sobre o profissional “condutor” como sua contribuição na conservação e preservação ambiental. Apesar de existirem recomendações referentes à carga horária, eixos temáticos e conteúdos mínimos a serem ministrados em cursos de capacitação para esse perfil, a concepção do “sujeito” condutor normalmente não é explicitada ou detalhada. O presente trabalho visa apresentar uma reflexão e uma perspectiva para essa lacuna referencial, baseando-se na vivência de práticas de capacitação de condutores ambientais no sul do Brasil pelo Instituto Federal de Santa Catarina. O trabalho também visa enfatizar o papel dos condutores ambientais no ecodesenvolvimento turístico, bem como apresentar expectativas de diferentes agentes sociais e relatos de condutores após cursos de capacitação. Palavras-chave: condutor ambiental; ecoturismo; formação profissional; turismo de base comunitária; unidades de conservação.AbstractWho is the local environmental conductor and what is his/her role toward nature, tourism and society? These are fundamental questions that guide the structuring and implementation of professional training courses for this profile

  9. Sobrevida em cinco anos e fatores prognósticos em mulheres com câncer de mama em Santa Catarina, Brasil Five-year survival and prognostic factors in women with breast cancer in Santa Catarina State, Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ione Jayce Ceola Schneider

    2009-06-01

    Full Text Available Este estudo tem o objetivo de descrever a sobrevida em câncer de mama e os fatores associados à mesma. Caracteriza-se como uma coorte histórica de mulheres com diagnóstico de câncer de mama no período de 2000 a 2002, que foram catalogadas nos registros hospitalares de câncer do Centro de Pesquisas Oncológicas de Santa Catarina e Hospital de Caridade - Irmandade Nosso Senhor dos Passos, os dois localizados em Florianópolis, Santa Catarina, Brasil. Para a análise estatística foram utilizados o estimador de Kaplan-Meier e o modelo de Cox. A taxa de sobrevida geral em cinco anos foi de 76,2% (IC95%: 73,6-78,9. Os fatores independentes associados ao maior risco de óbito foram faixa etária menor de 30 anos (hazard ratio- HR = 3,09; IC95%: 1,25-7,67; as mulheres analfabetas (HR = 3,70; IC95%: 1,44-9,55; as com estadiamento III (HR = 5,27; IC95%: 2,56-10,82 e IV (HR = 14,07; IC95%: 6,81-29,06. Mulheres jovens são aquelas com piores taxas de sobrevida. Também existem muitas mulheres sendo diagnosticadas em estádios avançados, tendo uma sobrevida pior, demonstrando a necessidade de ações de diagnóstico precoce.The aim of this study was to analyze breast cancer survival and associated factors, based on a historical cohort of women with breast cancer diagnosis from 2000 to 2002 recorded in the hospital cancer registries at the Santa Catarina Center for Cancer Research and the Irmandade Nosso Senhor dos Passos Charity Hospital, both located in Florianópolis, Santa Catarina State, Brazil. The statistical analysis used the Kaplan-Meier estimator and Cox model. Overall five-year survival was 76.2% (95%CI: 73.6-78.9. Independent factors associated with increased risk of death were age less than 30 years (hazard ratio - HR = 3.09; 95%CI: 1.25-7.67; illiteracy (HR = 3.70; 95%CI: 1.44-9.55; and stages III (HR = 5.27; 95%CI: 2.56-10.82 and IV (HR = 14.07; 95%CI: 6.81-29.06. Young women had the worst survival rates. There were also many women

  10. Hiperlordose lombar em crianças e adolescentes de uma escola privada no Sul do Brasil: ocorrência e fatores associados Lumbar hyperlordosis in children and adolescents at a privative school in southern Brazil: occurrence and associated factors

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Adriana Torres de Lemos

    2012-04-01

    Full Text Available A avaliação da postura corporal durante a infância e adolescência permite a detecção de alterações em fases iniciais e a adoção de medidas preventivas. Avaliou-se a ocorrência de hiperlordose lombar e fatores associados em 467 crianças e adolescentes de 10 a 16 anos de idade de uma escola de Porto Alegre, Rio Grande do Sul, Brasil. A hiperlordose lombar foi definida como aumento da curvatura lombar avaliada por meio de fotografia. Verificou-se 78% de ocorrência da patologia. Os fatores positivamente associados a essa alteração postural foram sexo feminino (RP = 1,08; IC95%: 1,03; 1,13, força/resistência abdominal abaixo do percentil 20 (RP = 1,10; IC95%: 1,05; 1,15 e flexibilidade abaixo do percentil 20 (RP = 1,07; IC95%: 1,01; 1,12. A hiperlordose lombar se associou negativamente à mobilidade lombar (RP = 0,90; IC95%: 0,85; 0,96 e à estatura (RP = 0,995; IC95%: 0,99; 0,999. Estratégias efetivas que melhorem os níveis de aptidão física de escolares são necessárias, tendo em vista que baixos níveis de força e flexibilidade foram associados à hiperlordose lombar.Posture assessment during childhood and adolescence allows early detection of postural disorders and adoption of preventive measures. This study evaluated the occurrence of lumbar hyperlordosis and associated factors in 467 children and adolescents aged 10 to 16 years at a school in Porto Alegre, Rio Grande do Sul State, Brazil. Lumbar hyperlordosis was defined as increased lumbar curvature evaluated by photography. Prevalence of lumbar hyperlordosis was 78%. Factors positively associated with lumbar hyperlordosis were female gender (PR = 1.08; 95%CI: 1.03; 1.13, abdominal strength below the 20th percentile (PR = 1.10; 95%CI: 1.05; 1.15, and flexibility below the 20th percentile (PR = 1.07; 95%CI: 1.01; 1.12. Lumbar hyperlordois was negatively associated with lumbar mobility (PR = 0.90; 95%CI: 0.85; 0.96 and height (PR = 0.995; 95%CI: 0.99; 0.999. Effective

  11. Impacto dos fatores macro e microeconômicos nas relações comerciais: o caso da Argentina e do Brasil Impact of macro and microeconomic factors in the comercial relations: the case of Argentina and Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marta Bekerman

    2009-04-01

    Full Text Available O trabalho analisa os fatores macro e microeconômicos que impulsionaram as recentes mudanças profundas registradas na relação comercial entre o Brasil e a Argentina, caracterizadas por um déficit argentino crescente. Conclui-se, do ponto de vista macro, que os comportamentos dos níveis de atividade econômica e do tipo de câmbio bilateral não são suficientes para explicar as transformações indicadas. São analisados, então, os fatores microeconômicos vinculados com um aprofundamento dos saldos negativos do intercâmbio bilateral de manufaturas de origem industrial, e uma diminuição dos saldos positivos dos demais itens (produtos primários, manufaturas de origem agropecuária e combustíveis para a Argentina. As conclusões indicam que a evolução da relação comercial bilateral está fortemente vinculda com mudanças na esfera produtiva sofridas por ambas as nações. Isto, longe de sugerir uma situação fechada ou concluída, enfatiza a necessidade de coordenar futuras estratégias regionais para fortalecer um comércio do tipo intraindustrial que consolide a situação competitiva do Mercosul em relação a terceiros mercados.This work analizes the macro and microeconomic factors that led to recent transformations in the trade relations between Argentina and Brazil. The conclusions are that those transformations were strongly linked with the changes in the productive field that took place in each of both countries. But far from being a final situation, this work enphazises the necesity to coordinate futures strategies to strenghen an intraindustrial type of trade that could help to consolidate the competitive position of Mercosur in relation to third markets.

  12. Factors associated to Theileria equi in equids of two microregions from Rio de Janeiro, Brazil Fatores associados à Theileria equi em equídeos de duas microrregiões do Rio de Janeiro, Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Tiago Marques dos Santos

    2011-09-01

    Full Text Available Serum samples from 714 equids of Itaguaí and Serrana microregions, Rio de Janeiro, southeastern Brazil, were examined by indirect fluorescent antibody test (titer 1:80 for Theileria equi. The prevalence in the microregions and factors associated with seropositivity were evaluated and the prevalence ratio (PR calculated. The overall prevalence of T. equi infection was 81.09% (n = 579, with higher prevalence (p Amostras de soro de 714 equídeos das microrregiões de Itaguaí e Serrana, Rio de Janeiro, Brasil, foram submetidas ao teste de imunofluorescência indireta (título 1:80 para Theileria equi. A prevalência entre as microrregiões e os fatores associados à soropositividade foram avaliados e a razão de prevalência (RP calculada. A prevalência geral para T. equi foi de 81,09% (n = 579, com maior prevalência (p < 0,05 para microrregião de Itaguaí (85,43%, quando comparado a Serrana (76,92%. A região, altitude, nível da propriedade e origem dos equídeos foram associados (p < 0,05 com a soropositividade para T. equi. Equídeos criados na microrregião de Itaguaí (RP = 1,11; p = 0,003 e em altitudes abaixo de 500 m (RP = 1.10; p = 0,014 apresentaram maior chance de se tornarem soropositivos para T. equi. Além disso, quando são criados em propriedades de nível ruim (RP = 1,13; p = 0,018 e nascidos na propriedade (RP = 1,10; p = 0,008 apresentaram mais chance de terem contato com T. equi. As principais espécies de carrapatos encontradas parasitando os equídeos foram Amblyomma cajennense e Dermacentor (Anocentor nitens. As microrregiões estudadas são endêmicas para theileriose equina e de estabilidade enzoótica para T. equi. Apenas os fatores relacionados à área de coleta das amostras de soro influenciaram a soropositividade dos equídeos para T. equi naquela região.

  13. Qualidade do ambiente e fatores associados: um estudo em crianças de Pelotas, Rio Grande do Sul, Brasil Quality of the environment and associated factors: a pediatric study in Pelotas, Rio Grande do Sul, Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria de Fátima Duarte Martins

    2004-06-01

    Full Text Available Descrever e identificar fatores que possam estar associados à qualidade do ambiente e características das crianças expostas, em Pelotas, Rio Grande do Sul, Brasil. Trata-se de um estudo prospectivo de caráter populacional, incluindo 630 crianças da coorte de nascimentos de 1993. No ano de 1998 avaliou-se, entre outras informações, a qualidade do ambiente, medida através do Home Observation for the Measurement of the Environment. Os dados foram analisados por meio de análise univariada. A associação entre as variáveis e o desfecho foi avaliada por meio das razões de prevalência, dos intervalos de confiança em 95% e do qui-quadrado. Realizou-se a regressão logística seguindo modelo hierarquizado. Constatou-se que 97 crianças (15% viviam em ambiente negativo. Encontraram-se oito fatores de risco associados à qualidade do ambiente: baixa renda familiar mensal, baixa escolaridade materna, sexo masculino, casas com mais de sete residentes, número de irmãos maior ou igual a quatro, uso de tabaco na gestação, crianças que dormem na cama dos pais aos 4 anos e mães com presença de transtornos psiquiátricos.This study aims to describe and identify factors associated with environmental quality and characteristics of children exposed to environmental risk factors in Pelotas, Rio Grande do Sul, Brazil. This was a prospective, population-based study, including 630 children from the 1993 birth cohort. During the year 1998, environmental quality and other information were assessed using the Home Observation for the Measurement of the Environment. Data were submitted to univariate analysis. The association between the variables and the outcome was evaluated through prevalence ratios, 95% confidence intervals, and chi-square. Logistic regression was performed according to a hierarchical model. Some 97 children (15% were living in negative environments. Eight risk factors were associated with environmental quality: low monthly family

  14. Prevalência e fatores associados a sintomas depressivos em adultos do sul do Brasil: estudo transversal de base populacional Prevalence of depressive symptons and associated factors among southern Brazilian adults: cross-sectional population-based study

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Airton José Rombaldi

    2010-12-01

    Full Text Available Com o objetivo de identificar a prevalência de sintomas depressivos e examinar fatores associados em uma população adulta do sul do Brasil, foi realizado um estudo transversal de base populacional, incluindo 972 indivíduos, de ambos os sexos, idade entre 20 e 69 anos, moradores na zona urbana da cidade de Pelotas, Rio Grande do Sul. A seleção amostral teve os setores censitários do município como unidades amostrais primárias e os domicílios como unidades secundárias. O questionário incluiu variáveis socioeconômicas, comportamentais e nutricionais. As prevalências dos sintomas depressivos tristeza, ansiedade, falta de energia, falta de disposição, pensar no passado e preferir ficar em casa, na população de Pelotas, foram, respectivamente, de 29,4%, 57,6%, 37,4%, 40,4%, 33,8% e 54,3%. Concluiu-se que as prevalências de sintomas depressivos foram elevadas e os indivíduos do sexo feminino, idade avançada, fumantes e obesos mostraram-se associadas à maioria dos desfechos. A depressão é um importante problema de saúde publica e o conhecimento de como a sintomatologia depressiva se distribui na população e os fatores associados à sua presença podem ajudar no melhor entendimento da fenomenologia dos transtornos depressivos e a traçar estratégias de prevenção e intervenção.To identify the prevalence of depressive symptoms and examine associated factors in a Southern Brazilian adult population, a cross-sectional population-based study was carried out, including 972 subjects, men and women, aged 20 to 69 years, living in the urban area of Pelotas, Rio Grande do Sul. The sampling strategy relied on the census tracts of the city as primary sampling units and households as the secondary units. The questionnaire included socio-demographic, behavioral and nutritional variables. The prevalence of sadness, anxiety, loss of energy, lack of will to do things, thinking about the past, and wishing to stay at home were 29.4%, 57

  15. Fatores de risco para nascimentos pré-termo em Londrina, Paraná, Brasil Risk factors for pre-term birth in Londrina, Paraná State, Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ana Maria Rigo Silva

    2009-10-01

    Full Text Available Objetivou-se identificar fatores de risco para nascimentos pré-termo por meio de estudo caso-controle populacional que envolve nascidos vivos hospitalares de mães residentes em Londrina, Paraná, Brasil. Os casos foram os 328 nascimentos pré-termo e os controles, uma amostra proporcional de 369 nascimentos com 37 semanas ou mais. Realizou-se análise de regressão logística múltipla hierarquizada. Verificou-se associação (p 30kg/m², com filho anterior pré-termo, com tratamento para engravidar; características maternas durante a gestação: com companheiro há no máximo dois anos, preocupações, bebida alcoólica semanal, pré-natal inadequado, prática de caminhada como proteção; agravos na gestação - sangramento, infecção do trato genital, volume alterado do líquido amniótico, hipertensão arterial e internação; gestação múltipla. A identificação de fatores de risco e a melhoria da qualidade da atenção pré-concepcional e pré-natal podem reduzir a prematuridade.The objective of this study was to identify risk factors associated with pre-term birth among live births in a hospital in Londrina, Paraná State, Brazil. Cases consisted of 328 pre-term births, and controls were 369 births with gestational age greater than 37 weeks. A multiple hierarchical logistic regression analysis was carried out. There was a significant correlation (p 30 kg/m2; history of prematurity; history of assisted reproduction; mothers in a relationship for less than two years; maternal stress; weekly maternal alcohol consumption; insufficient prenatal care; gestational complications such as bleeding, genital tract infection, altered amniotic fluid volume, high blood pressure, and hospital admission; and twin pregnancy. Regular walks during pregnancy were a protective factor. Improved quality of prenatal care and the identification of the above factors during pregnancy may help reduce premature birth.

  16. O risco espacial e fatores associados ao edentulismo em idosos em município do Sudeste do Brasil Spatial risk and factors associated with edentulism among elderly persons in Southeast Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rafael da Silveira Moreira

    2011-10-01

    Full Text Available Objetivou-se identificar fatores associados ao edentulismo e o seu risco espacial em idosos. Foi realizado um estudo transversal em uma amostra de 372 indivíduos de 60 anos e mais, no Município de Botucatu, São Paulo, Brasil, em 2005. Razões de prevalência brutas e ajustadas foram estimadas por meio de regressão de Poisson, com estimativa robusta da variância e procedimentos de modelagem hierárquica. A análise espacial foi realizada por estimativas de densidade de Kernel. A prevalência de edentulismo foi de 63,17%. Os fatores sociodemográficos associados ao edentulismo foram a baixa escolaridade, o aumento do número de pessoas por cômodo, não possuir automóvel e idade mais avançada, presença de comorbidades, ausência de um cirurgião-dentista regular e ter realizado a última consulta há três anos ou mais. A análise espacial mostrou maior risco nas áreas periféricas. Obteve-se uma melhor compreensão da perda dentária entre os idosos, subsidiando o planejamento de ações em saúde coletiva.This study aimed to identify factors associated with edentulism and spatial risk of tooth loss in the elderly. A cross-sectional study was conducted using a random sample (n = 372 of individuals 60 years and older in Botucatu, São Paulo State, Southeast Brazil, in 2005. Crude and adjusted prevalence ratios were estimated by Poisson regression with robust variance. Spatial analysis was performed using Kernel intensity estimation. Prevalence of edentulism was 63.17%. Socio-demographic factors associated with edentulism according to multiple regression were low schooling, household crowding, not owning a car, older age, lack of a regular dentist, and the last dental visit three previously or longer. Spatial analysis showed greater risk of edentulism in the peripheral areas of the city. The results help understand the high prevalence of tooth loss among the elderly, thus providing essential information for planning oral health

  17. Prevalência e fatores associados à percepção negativa da saúde em pessoas idosas no Brasil Prevalence and factors associated with negative health perception by the Brazilian elderly

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Roberto Jerônimo dos Santos Silva

    2012-03-01

    Full Text Available OBJETIVO: Analisar os fatores associados à percepção negativa de saúde em idosos brasileiros. MÉTODOS: Estudo de base populacional com delineamento transversal realizado no ano de 2009, em três cidades do Brasil. A amostra estratificada de forma aleatória simples foi composta de 909 adultos de 60 a 91 anos. Na identificação dos fatores associados com a percepção negativa de saúde (PNS, foi realizada análise bruta e mutivariável por estimativas das Razões de Prevalência (RP, por meio da regressão de Poisson; p OBJECTIVE: To analyze the factors associated with negative health perception in older Brazilians. METHODS: Population study of a cross-sectional sample, conducted in 2009 in three cities of Brazil. The stratified simple random sample consisted of 909 adults between 60 and 91 years of age. A gross and multivariate analysis by estimated prevalence rate (PR using Poisson regression with calculation of adjusted prevalence ratios, p < 0.05 was performed to identify factors associated with negative perception of health (NPH. RESULTS: The prevalence of NPH was 49.6%. After the multivariate association, a certain association for men with older age PR = 1.03 (Cl = 1.01 to 1.06, risk of malnutrition PR = 1.66 (CI = 1.13 to 2.43 and disability PR = 1.79 (CI = 1.21 to 1.77 was observed. For women, the association was with taking more than two medications PR = 1.41 (CI = 1.13 to 2.52, hypertension PR = 1.52 (CI = 1.43 to 1.97 and functional disability PR = 1.36 (CI = 1.13 to 1.86. CONCLUSIONS: Nearly half of the elderly have NHP, therefore preventive actions that decrease drug use and encourage behaviors toward better nutritional conditions should be tied to public policies in order to promote the functional independence and well-being of the elderly.

  18. Adoção Obrigatória do IFRS no Brasil (2010: Índice de Conformidade das Empresas com a Divulgação Requerida e Alguns Fatores Explicativos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Edilene Santana Santos

    2014-05-01

    Full Text Available Avaliamos o grau de conformidade (compliance das empresas com a divulgação requerida pelo padrão International Financial Reporting Standards (IFRSno primeiro ano de sua adoção plena obrigatória no Brasil (2010, a partir do exame,nas Notas Explicativas das 366 empresas não financeiras listadas na bolsa de valores brasileira (BM&FBovespa, do grau de atendimento a 638 itens de divulgação requeridos por 28 normas (IFRS.Mensuramos os níveis de conformidade com a divulgação calculando um índice de conformidade, tanto geral como para cada norma, e investigamos associações entre os níveis de divulgação e características das empresas, como potenciais fatores explicativos do grau de conformidade com a divulgação requerida. Foram encontrados baixos níveis totais de conformidade com a divulgação requerida no ano analisado: o nível médio de atendimento à divulgação requerida pelas IFRS mostrou-se muito sensível à abordagem adotada, variando de 16,04% (critério rigoroso e abordagem dicotômica a 33,72% (critério tolerante e abordagem do cumprimento parcial não ponderado. Na linha da experiência de outros países ilustrada na literatura, esses resultados enfatizam a importância de melhorar as condições de suporte institucional para reforçar mecanismos de enforcement, possibilitando às empresas brasileiras alcançar plenamente os benefícios econômicos esperados pela adoção do padrão internacional. Em todas as nossas análises, tamanho da empresa e auditoria por uma "Big 4" tiveram associação positiva com a variável dependente em todos os modelos utilizados para determinar o índice de conformidade com a divulgação requerida, possibilitando concluir que esses fatores produzem um impacto positivo significativo no nível de conformidade das empresas brasileiras com a divulgação requerida pelas IFRS.

  19. A concordância de número nos predicativos/particípios passivos na fala do Sul do Brasil - motivações extralingüísticas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Vazzata-Dias, Juça Fialho

    2000-01-01

    Full Text Available Neste trabalho, mostramos alguns resultados acerca das motivações sociais que podemos observar quando se analisa fenômenos lingüísticos variáveis como o da concordãncia de número no predicativo/particípio passivo. Analisamos a fala de informantes nascidos (e rescidentes em três cidades do sul do Brasil (Florianópolis, Chapecó e Irati, sendo 24 de cada uma delas, num total de 72 informantes-dados do projeto VARSUL, e levamos em conta fatores sociais como escolaridade, idade, sexo, e etnia. A abordagem teórica utilizada é a da sociolingüística loboviana e, para as rodadas estatíticas [sic] dos dados, valemo-nos do programa computacional VARBRUL

  20. Evolução do crédito industrial no Brasil: uma análise a partir de fatores macroeconômicos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Pâmela Amado Tristão

    2015-04-01

    Full Text Available O objetivo deste trabalho consistiu em analisar a influência das variáveis macroeconômicas sobre o crédito industrial no Brasil, no período pós-estabilização. Essa discussão tem como cenário, de um lado, a trajetória descendente do crédito industrial nos anos recentes e, de outro, as políticas expansionistas destinadas à indústria. Para o alcance dos objetivos, foi estimado um modelo de correção de erros com o qual foi possível analisar as dinâmicas de longo e de curto prazo. Os resultados apontam para a recorrente influência da taxa de câmbio e do produto agregado na explicação do comportamento das operações de crédito industrial na economia brasileira, tanto no curto quanto no longo prazo. Além disso, salientam-se os efeitos mais prolongados do produto sobre o crédito industrial, enquanto que as variáveis de política, à exceção do câmbio, apresentaram efeitos temporários.

  1. Gestão de Pessoas como Fator de Sucesso na Incorporação da Nossa Caixa pelo Banco do Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Hugo Pena Brandão

    2013-09-01

    Full Text Available Despite the increasing number of mergers and acquisitions, aspects related to people management and cultural integration are often neglected in these operations, impairing individual and organizational performance. Considering the importance of understanding the variables that influence the success of these processes, this research had the main objective of evaluating human resource practices adopted to facilitate the incorporation of Banco Nossa Caixa (BNC by Banco do Brasil (BB. The evaluation was based on employees’ perceptions of the actions taken in order to promote their allocation, integration, orientation, training and adaptation. Data were collected through a structured questionnaire, available on the company’s intranet. The sample consisted of 781 former BNC employees (that delivered valid responses to the questionnaire. For data analysis, descriptive and multivariate statistical techniques (factorial analysis, t-test, and variance analysis were used. The results revealed that, in general, participants had a positive perception of the incorporation process, which suggests that the actions taken by BB were effective. They also indicate the bank´s consideration for the people and the organizational culture being incorporated, though there were perception differences between employee segments. We hope that this study will contribute to the understanding of variables that influence the success of mergers and acquisitions, as well as contribute to the theoretical and practical debate on the topic.

  2. Fatores associados à rosácea em amostras populacionais do Sul do Brasil: análise de estudos casos-controles Factors associated with rosacea in population samples of Southern Brazil: analysis of case-control studies

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Renan Rangel Bonamigo

    2008-10-01

    Full Text Available FUNDAMENTOS: A rosácea é dermatose que apresenta uma série de variáveis associadas a seu surgimento. A maioria dos estudos é proveniente dos Estados Unidos da América e de países europeus, sendo escasso o conhecimento produzido e publicado acerca da doença no Hemisfério Sul, particularmente no Brasil. OBJETIVOS: Descrever os principais fatores clínicos e histopatológicos associados à rosácea em amostras populacionais do sul do Brasil. MÉTODOS: Dois estudos casos-controles realizados em seqüência, com análise univariada e bivariada, utilizando-se p BACKGROUND: Rosacea is a dermatosis that has many factors associated with its onset. Most studies on this condition come from the United States and European countries, with little information produced and published about the disease in the Southern hemisphere, particularly in Brazil. OBJECTIVES: To describe the main clinical and histopathological factors associated with rosacea in population samples from southern Brazil. METHODS: Two case-control studies performed sequentially, with univariate and bivariate analysis, using p<0.05 for statistical significance (Chi-square test and Mantel-Haenzel, for stratifications RESULTS: Rosacea is most frequent among women and in the age range of 40-50 years. Almost all cases have phototypes II and III. The inflammatory forms of rosacea are more often diagnosed than the vascular form and there is an association with serological positivity to Helicobacter pylori and with histopathological presence of Demodex folliculorum (p<0.05. Emotional and climatic changes, exposure to the sun and intake of alcoholic beverages were the main factors described as provoking or worsening the disease. CONCLUSIONS: We have obtained an overview of rosacea in a sample of the southern population of Brazil. While some data are similar to those already described internationally, other aspects, such as economic issues and the factors described as provoking or worsening the

  3. Prevalência e fatores associados para sobrepeso e obesidade em escolares de uma cidade no Sul do Brasil Prevalence of overweight and obesity and associated factors among schoolchildren in a southern Brazilian city

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fabio Rodrigo Suñé

    2007-06-01

    Full Text Available Foi realizado um estudo transversal com o objetivo de determinar a prevalência de sobrepeso e obesidade e os fatores associados ao excesso de peso corporal, em um grupo de escolares de 11 a 13 anos, residentes em Capão da Canoa, Rio Grande do Sul, Brasil. A técnica de amostragem utilizada foi estratificada, proporcional ao número de alunos de cada escola. O estado nutricional foi avaliado mediante os pontos de corte do índice de massa corporal (IMC de acordo com a idade e o sexo, propostos por Cole et al. no ano 2000. Foram analisadas variáveis sócio-econômicas, demográficas, genéticas e comportamentais. Foram entrevistados 719 escolares em 11 escolas, destes, 541 (75,2% apresentaram IMC considerado normal, 153 (21,3% escolares apresentaram sobrepeso e 25 (3,5% obesidade. Encontrou-se associação estatisticamente significativa com tipo de escola, estado nutricional dos pais, nível de atividade física e tempo de conduta sedentária. A prevalência de sobrepeso e obesidade encontrada nos escolares avaliados mostrou-se elevada (24,8%, e, de acordo com a encontrada na literatura, confirmando a magnitude e gravidade que o problema assumiu entre os escolares de todo o Brasil.This cross-sectional study aimed to determine the prevalence of overweight and obesity in a group of 11-13-year-old schoolchildren in Capão da Canoa, Rio Grande do Sul State, Brazil, and to investigate the association with possible risk factors for excess body weight. The sample was stratified, proportional to the number of pupils in each school. Nutritional status was assessed by body mass index (BMI cutoffs according to age and gender as proposed by Cole et al. (2000. Socioeconomic, demographic, genetic, and behavior variables were analyzed. 719 children from 11 schools were interviewed, of whom there were 541 (75.2% with normal BMI, 153 (21.3% with overweight, and 25 (3.5% with obesity. Statistically significant associations were found with type of school, parents

  4. Centros Sociais Paroquiais

    OpenAIRE

    Freitas, José António Araújo de

    2011-01-01

    Tese apresentada à Universidade Fernando Pessoa como parte dos requisitos para obtenção do grau de Doutor em Ciências Sociais, especialização em Sociologia O envelhecimento demográfico, a pobreza, o isolamento e a solidão preocupam, na actualidade, muitos estudiosos, políticos, trabalhadores sociais, dirigentes de instituições, familiares, todos empenhados em prestar aos idosos os mais adequados serviços de intervenção. A família, habitual refúgio e segurança das pessoas, encontra-se em pr...

  5. Fatores associados à cárie dentária em pré-escolares do Recife, Pernambuco, Brasil Factors associated with dental caries in preschoolers in Recife, Pernambuco State, Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marcia Maria Dantas Cabral de Melo

    2011-03-01

    Full Text Available Para investigar fatores associados à cárie dentária na dentição decídua, realizou-se estudo de caso-controle aninhado a inquérito de prevalência em 1.690 pré-escolares de 18-36 meses e cinco anos de idade, assistidos pela Estratégia Saúde da Família no Recife, Pernambuco, Brasil, em 2006. Os casos foram crianças com ceo-d > 1 e os controles, com ceo-d = 0. As variáveis independentes foram analisadas em blocos sociodemográfico e ambiental, estrutura familiar, cuidados com a saúde bucal e uso de serviços. Estimou-se OR brutas e IC95%. Variáveis associadas ao desfecho com p To investigate factors associated with dental caries in deciduous dentition, a nested case-control study was conducted in a prevalence survey of preschool children (n = 1,690 aged 18 to 36 months and 5 years of age, treated under the Family Health Program in Recife, Pernambuco State, Brazil, in 2006. Cases were children with dmft > 1 and controls with dmft = 0. The independent variables were analyzed in blocks: demographic, environmental, family structure, health care, and dental services use. OR and 95%CI were estimated. Variables associated with the outcome at p < 0.20 in the univariate analysis were included in a multivariate logistic regression model. The cutoff for remaining in the final model was p < 0.10. Larger households (more members, lack of running supply, time of residence, maternal (or caregiver's schooling, attendance in public preschool, demand for dental services, and sugar intake patterns were associated factors. Variables related to social context were the main predictors of caries, thus highlighting the need for comprehensive measures to address other common childhood health problems.

  6. Aliados do A. Aegypti: fatores contribuintes para a ocorrência do dengue segundo as representações sociais dos profissionais das equipes de saúde da família Allies of A. Aegypti: factors contributing to the occurrence of dengue according to social representations of professionals of family health teams

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cássia Barbosa Reis

    2013-02-01

    Full Text Available Historicamente as políticas de saúde e as ações de combate ao dengue são pautadas no controle vetorial, com atividades de campo, deixando em segundo plano as atividades de educação em saúde. Conhecer as representações sociais de profissionais de unidades de saúde da família, sobre os fatores que contribuem para a manutenção dos índices de ocorrência do dengue é o objetivo desta pesquisa de forma a contribuir para a melhoria da comunicação entre profissionais de saúde e população, visando o controle da doença. Foi realizado estudo qualitativo com profissionais da estratégia de saúde da família de seis municípios selecionados, sendo os dados tabulados pela técnica do Discurso do Sujeito Coletivo. Os resultados mostraram quatro discursos referentes a aspectos que foram levantados através da pergunta sobre qual a causa da ocorrência de dengue. Conclui-se que os profissionais atribuem à população parte importante da responsabilidade pela ocorrência do dengue, mas também observam a falta de estrutura e organização dos serviços, bem como percebem dificuldades para que ocorra a mudança dos comportamentos observados com os recursos disponíveis.Historically, health policies and actions to combat dengue have been based on vector control and field activities, while neglecting health education activities. Establishing the social representations of family health unit professionals about the factors that contribute to the sustained level of the occurrence rates of dengue is the scope of this research, in order to contribute to improved communication between health professionals and citizens, seeking to control the disease. A qualitative study was conducted with family health strategy professionals in six selected cities, with data tabulated by the Collective Subject Discourse technique. The results showed four discourses about the issues that were raised by the question of what caused the incidence of dengue. The

  7. Factors associated with depression symptoms in high school students in São Paulo, Brazil Fatores associados a sintomas depressivos em estudantes do ensino médio de São Paulo, Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    LC Zinn-Souza

    2008-02-01

    Full Text Available OBJECTIVE: To assess factors associated with depression symptoms in high school students. METHODS: A cross-sectional study involving high school students was conducted in the city of São Paulo, Brazil, 2001. A total of 724 students aged 14-18 years answered questionnaires on life and health conditions. Another questionnaire was applied to working (44.8% and unemployed (22.9% students to collect information on working conditions. Factors associated to depressive disorders were analyzed using multiple logistic regression controlled for occupational status. RESULTS: Overall prevalence rate of depression was 7.5%. Rates according to gender were 39 (10.3% in females and 15 (4.3% in males. The multiple logistic regression analysis showed that factors associated with depressive disorders were: poor self-perception of health (OR=5.78, being female (OR = 2.45, and alcohol consumption (OR=2.35. CONCLUSIONS: The study results showed that sociodemographic, lifestyle and health variables were associated with symptoms of depression in this population. These ndings suggest that it is important to have mental health professionals available in high schools for early detection of mental conditions and student counseling.OBJETIVO: Investigar os fatores associados a sintomas depressivos em estudantes do ensino médio. MÉTODOS: Foi realizado estudo transversal com estudantes residentes no Município de São Paulo, Brasil, em 2001. O total de 724 estudantes com idades entre 14 e 18 anos preencheram questionários de condições de vida e saúde. Dentre eles, os estudantes trabalhadores (44,8% e desempregados (22,9% também responderam a um outro questionário de condições de trabalho. A regressão logística foi utilizada para determinar os fatores associados para apresentar distúrbios depressivos, utilizando-se a "situação ocupacional" para ajustar o modelo. RESULTADOS: A prevalência dos sintomas depressivos na população estudada foi de 7,5%; as taxas de

  8. Incidência e fatores de risco da retinopatia da prematuridade no Hospital Universitário Onofre Lopes, Natal (RN - Brasil Incidence and risk factors of retinopathy of prematurity in University Hospital Onofre Lopes, Natal (RN - Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Aline Macêdo Pinheiro

    2009-08-01

    Full Text Available OBJETIVOS: Determinar a incidência de retinopatia da prematuridade e avaliar os principais fatores de risco implicados no seu desenvolvimento. MÉTODOS: Estudo coorte retrospectivo de base hospitalar realizado no período de janeiro de 2004 a dezembro de 2006, no Hospital Universitário Onofre Lopes, Natal (RN - Brasil. A amostra foi composta por 663 recém-nascidos, com idade gestacional 20 dias (p=0,022; ORaj=3,40; IC= 1,19-9,69 e a transfusão sanguínea (p=0,022; ORaj=2,06; IC= 1,11-3,83 são fatores independentes de risco para a doença. CONCLUSÕES: O estudo demonstra uma alta incidência da patologia no serviço. O baixo peso ao nascer, um tempo prolongado de oxigenoterapia, bem como a transfusão sanguínea são fatores associados ao desenvolvimento da retinopatia da prematuridade. Idade gestacional não é um dado confiável para a triagem dos neonatos realizada pelo setor.PURPOSES: To determine the incidence of retinopathy of prematurity and assess the main risk factors involved in its development. METHODS: Retrospective cohort study carried out from January 2004 to December 2006, at University Hospital Onofre Lopes, Natal (RN - Brazil. The sample was composed of 663 newborns, with less than or equal to 36 weeks of gestational age and/or birth weight less than or equal to 1,500 g, submitted to the protocol of retinopathy of prematurity in the ophthalmology department of the hospital. The variables were: gender, birth weight, gestational age, duration of oxygen therapy, mechanical ventilation, sepsis and blood transfusion. Data were analyzed through the chi-squared test, Fisher's exact test and logistic regression model. RESULTS: Of the 663 cases, retinopathy of prematurity occurred in 414 (62.4%. Of the total sample, 338 (51.0% were male and 282 (42.5% female. Mean and standard deviation of weight, gestational age and duration of oxygen therapy were, respectively, 1,334.9 ± 345.6 g, 31.9 ± 2.3 weeks and 10.0 ± 14.0 days. The

  9. Fatores de risco para diabetes mellitus gestacional na coorte de nascimentos de Pelotas, Rio Grande do Sul, Brasil, 2004 Risk factors for gestational diabetes mellitus in the birth cohort in Pelotas, Rio Grande do Sul State, Brazil, 2004

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria Alice Souza de Oliveira Dode

    2009-05-01

    Full Text Available Consensos de diversos países referem idade, obesidade e história familiar de diabetes mellitus como fatores de risco para diabetes mellitus gestacional. Outros fatores permanecem controversos. O objetivo deste estudo foi investigar fatores associados ao diabetes mellitus gestacional entre mães dos recém-nascidos da coorte de nascimentos de Pelotas, Rio Grande do Sul, Brasil, em 2004. Foram entrevistadas 4.243 puérperas no hospital, havendo 0,5% de recusas. O diagnóstico de diabetes mellitus gestacional foi auto-referido. A prevalência de diabetes mellitus gestacional foi 2,95% (IC95%: 2,53-3,64. Análise bruta realizada por meio de testes qui-quadrado mostrou associação direta com aumento da idade, escolaridade, nível econômico e índice de massa corporal (IMC e inversa com altura materna. Cor não branca, história familiar de diabetes mellitus, tabagismo no primeiro e segundo trimestres e atividade física antes da gestação e no primeiro trimestre mostraram-se associados. A análise ajustada hierarquizada realizada através de regressão logística mostrou associação com maior idade, cor não branca, maior escolaridade, história familiar de diabetes mellitus e maior IMC. A altura ficou no limiar da significância. Tabagismo no primeiro e segundo trimestres foi protetor.Consensus statements by various countries have reported age, obesity, and family history of diabetes mellitus as risk factors for gestational diabetes mellitus. Other factors remain controversial. The aim of this study was to investigate factors associated with gestational diabetes among mothers of newborns from the birth cohort in Pelotas, Rio Grande do Sul State, Brazil, in 2004. We interviewed 4,243 postpartum women in hospital, with a 0.5% refusal rate. Diagnosis of gestational diabetes was self-reported. Prevalence of gestational diabetes was 2.95% (95%CI: 2.53-3.64. Crude analysis using the chi-square test showed a direct association with age, schooling

  10. Cobertura do exame de Papanicolaou no Brasil e seus fatores determinantes: uma revisão sistemática da literatura Coverage of the Pap smear in Brazil and its determining factors: a systematic literature review

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luís Felipe Leite Martins

    2005-08-01

    Full Text Available OBJETIVO: apresentar o panorama da cobertura do exame de Papanicolaou no Brasil, com ênfase nos seus fatores determinantes. MÉTODOS: foram pesquisadas as bases de dados "on line" LILACS (Literatura Latino-Americana e do Caribe em Ciências da Saúde, MEDLINE - 1966 a 2004 (Literatura Internacional em Ciências da Saúde, PAHO (Acervo da Biblioteca da Organização Pan-Americana de Saúde e WHOLIS (Sistema de Informação da Biblioteca da OMS. A revisão foi ampliada por meio da busca a referências bibliográficas dos estudos relevantes, solicitação de estudos publicados e não publicados a especialistas e outras fontes. Foram selecionados artigos que preenchiam os seguintes critérios: ser um estudo transversal, ter sido realizado no Brasil, conter informações sobre a cobertura do exame Papanicolaou (alguma vez na vida ou nos últimos três anos ou sobre seus fatores determinantes. Foram excluídas as duplicidades e os artigos sem resumo. Um total de 13 artigos foram selecionados atendendo a esses critérios. RESULTADOS: são poucos os estudos sobre a cobertura do exame de Papanicolaou no Brasil. A maioria concentra-se nas grandes cidades das regiões Sul e Sudeste do país. Além da escassez, existe pouca padronização metodológica em relação à amostragem e perfil das mulheres a serem investigadas, o que torna difícil a comparação entre si. Estas diferenças metodológicas devem ter contribuído para a grande variabilidade nas coberturas encontradas. Entretanto, apesar de todos os problemas, observa-se tendência de aumento temporal no percentual de mulheres que foram submetidas a pelo menos um exame de Papanicolaou: os dois únicos estudos realizados nos anos 80 mostram coberturas de 55,0 e 68,9% na vida, ao passo que um inquérito domiciliar realizado em 15 capitais e no Distrito Federal entre 2002 e 2003 apresenta valores que variam de 73,4 a 92,9%; porém, dois estudos de abrangência nacional realizados em 2003 apresentaram

  11. Fatores associados ao crescimento linear de crianças socialmente vulneráveis do Estado da Paraíba, Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Dixis Figueroa Pedraza

    2016-03-01

    Full Text Available Resumo Este trabalho objetivou examinar fatores associados ao déficit de estatura em crianças assistidas em creches do Estado da Paraíba, incluindo a deficiência de zinco. Trata-se de um estudo transversal envolvendo 353 crianças de 6-72 meses de idade. Os dados relativos às características biológicas, à situação de saúde e às condições socioeconômicas foram obtidos através de questionário. O déficit estatural foi determinado por índices de estatura para idade dois escores z abaixo do valor mediano da população de referência. Os níveis de zinco no cabelo foram determinados por espectrofotometria de absorção atômica. A prevalência de baixa estatura foi de 7,36%. O baixo peso ao nascer, a faixa etária de 6-36 meses, o esquema de vacinação incompleto, a baixa estatura materna, o baixo peso materno, a renda familiar per capita inferior a 0,5 salários mínimos e a residência em casa cedida/doada ou invadida apresentaram associação estatística significante com o déficit estatural. As crianças de baixa estatura apresentaram maior exposição à deficiência de zinco, porém sem diferença estatística em relação àquelas de estatura normal. Assim, indica-se claro diferencial do crescimento linear que favorece as crianças de melhor condição socioeconômica e de antecedentes maternos e de saúde favoráveis.

  12. Fatores associados a não realização da mamografia e do exame clínico das mamas: um estudo de base populacional em Campinas, São Paulo, Brasil Factors associated with lack of mammograms and clinical breast examination by women: a population-based study in Campinas, São Paulo State, Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Vivian Mae Schmidt Lima Amorim

    2008-11-01

    Full Text Available O objetivo deste estudo é analisar a prevalência da não realização do exame clínico das mamas e da mamografia segundo variáveis sócio-econômicas, demográficas e de comportamentos relacionados à saúde, em mulheres com 40 anos ou mais, residentes na cidade de Campinas, São Paulo, Brasil. O estudo foi do tipo transversal, de base populacional em uma amostra de 290 mulheres. Os fatores associados à não realização da mamografia, encontrados na análise multivariada, foram: ter 70 anos ou mais, ser de raça/cor negra e pertencer ao segmento de menor renda familiar per capita; e para a não realização do exame clínico das mamas foram: não ter companheiro e pertencer ao segmento de menor renda familiar per capita. O SUS foi responsável pela realização de 28,8% das mamografias e 38,2% dos exames clínicos das mamas. Verificou-se que a não realização dos exames preventivos para o câncer de mama está associada à existência de desigualdade racial e social, apontando para a necessidade de implementação de estratégias para a ampliação da cobertura das práticas preventivas para o câncer de mama, especialmente para os segmentos sociais mais vulneráveis.This study analyzes the prevalence of mammograms and clinical breast examination according to socioeconomic, demographic, and health-related behavioral variables in women 40 years or older in Campinas, São Paulo State, Brazil. This was a cross-sectional population-based study (N = 290. Based on multivariate analysis, factors associated with not having a mammogram in the previous two years were: age (> 70 years, race/ethnicity (black or mixed-race, and low per capita family income. Lack of clinical breast examination in the previous year was associated with: marital status (single/widow/without partner and low income. The Unified National Health System (SUS performed 28.8% of reported mammograms and 38.2% of clinical breast examinations. According to the findings, lack of

  13. AS CIÊNCIAS SOCIAIS NOS ÚLTIMOS 20 ANOS: TRÊS PERSPECTIVAS

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Reis Elisa Pereira

    1997-01-01

    Full Text Available Entrevista sobre o desenvolvimento da pesquisa e da pós-graduação em ciências sociais no Brasil com dois ex-presidentes da Anpocs, professores Fábio Wanderley Reis (cientista político e Gilberto Velho (antropólogo, e a atual presidente, professora Elisa Reis (socióloga. As respostas dos entrevistados foram agrupadas em torno dos seguintes temas: as ciências sociais no Brasil hoje; o desenvolvimento da pesquisa e da pós-graduação; as relações da comunidade brasileira com a comunidade internacional; áreas temáticas e abordagens metodológicas; o impacto das ciências sociais na sociedade nacional; os principais problemas e perspectivas das ciências sociais brasileiras.

  14. Freqüência de hipertensão arterial e fatores associados: Brasil, 2006 Frecuencia de hipertensión arterial y factores asociados: Brasil, 2006 Frequency of arterial hypertension and associated factors: Brazil, 2006

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Sandra Roberta Gouvea Ferreira

    2009-11-01

    Full Text Available OBJETIVO: Analisar a freqüência de hipertensão arterial sistêmica auto-referida e fatores associados. MÉTODOS: Estudo baseado em dados do sistema de Vigilância de Fatores de Risco e Proteção para Doenças Crônicas por Inquérito Telefônico (VIGITEL, coletados em 2006 nas capitais brasileiras e Distrito Federal. Estimou-se a freqüência de hipertensão arterial sistêmica entre 54.369 adultos, estratificada por sexo, região geográfica, variáveis sociodemográficas e comportamentais e morbidades auto-referidas. Foram calculadas os odds ratios brutos de hipertensão e ajustados para variáveis do estudo. RESULTADOS: A freqüência de hipertensão auto-referida foi de 21,6%, maior entre mulheres (24,4% versus 18,4%, menor nas regiões Norte e Centro-Oeste e maior na Sudeste. A freqüência de hipertensão aumentou com a idade, diminuiu com a escolaridade, foi maior entre negros e viúvos e menor entre solteiros. A chance de hipertensão, ajustada para variáveis de confusão, foi maior para os indivíduos com excesso de peso, diabetes, dislipidemia e de eventos cardiovasculares. CONCLUSÕES: Cerca de um quinto da população referiu ser portadora de hipertensão arterial sistêmica. As altas freqüências de fatores de risco modificáveis indicam os segmentos populacionais alvos de intervenção, visando à prevenção e controle da hipertensão.OBJETIVO: Analizar la frecuencia de hipertensión arterial sistémica auto-referida y factores asociados. MÉTODOS: Estudio basado en datos del Sistema de Vigilancia de Factores de Riesgo y Protección para Enfermedades Crónicas por Pesquisa Telefónica (VIGITEL, colectados en 2006 en las capitales brasileras y Distrito Federal. Se estimó la frecuencia de hipertensión arterial sistémica entre 54.369 adultos, estratificada por sexo, región geográfica, variables sociodemográficas y comportamentales y morbilidades auto-referidas. Fueron calculados los odds ratios brutos de hipertensión y

  15. Body dissatisfaction in Brazilian schoolchildren: prevalence and associated factors Insatisfação corporal em escolares no Brasil: prevalência e fatores associados

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Andréa Poyastro Pinheiro

    2006-06-01

    Full Text Available OBJECTIVE: To examine the prevalence of body dissatisfaction and associated factors in 8- to 11-year-old schoolchildren. METHODS: A cross-sectional study including children aged 8- to 11-years enrolled in public and private schools in Porto Alegre, Southern Brazil, was carried out from August to December, 2001. A total of 901 subjects were selected through cluster sampling. Participants answered a questionnaire aimed at measuring body dissatisfaction and self-esteem and questions about family and social pressures on weight change. Height and weight were measured. The relationship between body dissatisfaction and the variables studied was measured by logistic regression. RESULTS: The prevalence of body dissatisfaction was 82%. Fifty-five percent of the girls wanted a thinner body size, and 28% desired a larger one; the estimates for the boys were 43% and 38%, respectively. Children with the lowest self-esteem (OR=1.80; 95% CI: 1.13-2.89 and who thought their parents (OR=6.10; 95% CI: 2.95-12.60 and friends (OR=1.81; 95% CI: 1.02-3.20 expected them to be thinner showed a higher chance of presenting body dissatisfaction. CONCLUSIONS: Body dissatisfaction was highly prevalent among the evaluated schoolchildren, especially in those with lower self-esteem and who thought their parents and friends expected them to be thinner.OBJETIVO: Examinar a prevalência de insatisfação corporal e fatores associados em escolares entre oito e 11 anos. MÉTODOS: Estudo transversal realizado com escolares entre oito e 11 anos da rede pública e privada de Porto Alegre, Rio Grande do Sul, entre agosto e dezembro de 2001. Um total de 901 crianças, selecionadas por conglomerados, responderam verbalmente a questionário sobre insatisfação corporal e a auto-estima, pressão familiar e social relacionadas à mudança de peso. Altura e peso foram aferidos. A associação entre insatisfação corporal e as variaveis estudadas foi medida por meio de regressão logistica

  16. Regional differences associated with drinking and driving in Brazil Diferenças regionais entre os fatores associados ao beber e dirigir no Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Raquel De Boni

    2012-10-01

    condutores, 2.410 ingeriram bebidas alcoólicas nos 12 meses anteriores, sendo a maioria composta por homens com idade mediana de 36 anos. A única variável associada a BAC em todos os grupos foi ter lazer como motivo da viagem. Baixa escolaridade, idade > 30 anos, dirigir carros/motos e ter realizado teste de bafômetro previamente foram associadas a BAC em ao menos dois grupos. CONCLUSÕES: Os fatores associados a DUI foram semelhantes nas regiões, especialmente o motivo da viagem e a escolaridade, embora algumas especificidades regionais tenham sido observadas. Estas informações são estratégicas para políticas públicas destinadas a redução do DUI.

  17. Fatores associados ao consumo de frutas e hortaliças no Brasil, 2006 Factores asociados al consumo de frutas y hortalizas en Brasil, 2006 Factors associated with fruit and vegetable consumption in Brazil, 2006

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Patricia Constante Jaime

    2009-11-01

    Full Text Available OBJETIVO: Estimar a freqüência do consumo de frutas e hortaliças e fatores associados. MÉTODOS: Foram estudados 54.369 indivíduos com idade >18 anos, entrevistados pelo sistema de Vigilância de Fatores de Risco e Proteção para Doenças Crônicas por Inquérito Telefônico (VIGITEL nas capitais brasileiras e Distrito Federal, em 2006. Os indicadores do consumo alimentar foram: consumo regular (>5 dias/semana de frutas e hortaliças e consumo adequado (>5 vezes/dia. Calculou-se a prevalência dos indicadores e intervalos de confiança, estratificada por sexo. Para analisar a associação das variáveis sociodemográficas foram calculados odds ratio bruta e ajustada por sexo, idade, escolaridade e estado civil. RESULTADOS: Menos da metade dos indivíduos referiu consumo regular de fruta (44,1% ou hortaliças (43,8%, enquanto 23,9% referiram consumo regular de frutas e hortaliças em conjunto; o consumo adequado foi referido por 7,3% dos entrevistados. O consumo de frutas e hortaliças variou entre as cidades estudadas, foi maior entre as mulheres e aumentou com a idade e escolaridade. CONCLUSÕES: Iniciativas de promoção do consumo de frutas e hortaliças devem atender a população como um todo, especialmente às cidades das regiões Norte e Nordeste, aos jovens, aos homens e aos estratos populacionais com baixa escolaridade.OBJETIVO: Estimar la frecuencia de consumo de frutas y hortalizas y factores asociados. MÉTODOS: Fueron estudiados 54.369 individuos con edad >18 años, entrevistados por el Sistema de Vigilancia de Factores de Riesgo y Protección para Enfermedades Crónicas por Pesquisa Telefónica (VIGITEL en las capitales brasileras y Distrito Federal, en 2006. Los indicadores de consumo alimentario fueron: consumo regular (>5 días/semana de frutas y hortalizas y consumo adecuado (>5 veces/día. Se calculó la prevalencia de los indicadores e intervalos de confianza, estratificada por sexo. Para analizar la asociación de las

  18. Auto-avaliação da saúde e fatores associados, Brasil, 2006 Auto-evaluación de la salud y factores asociados, Brasil, 2006 Self-rated health and associated factors, Brazil, 2006

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marilisa Berti de Azevedo Barros

    2009-11-01

    Full Text Available OBJETIVO: Avaliar a prevalência de saúde auto-avaliada como ruim e fatores associados. MÉTODOS: Foram analisados dados de 54.213 pessoas com idade >18 anos, coletados pelo sistema de Vigilância de Fatores de Risco e Proteção para Doenças Crônicas por Inquérito Telefônico (VIGITEL nas capitais brasileiras e Distrito Federal, em 2006. Um residente em cada domicílio, com ao menos uma linha de telefonia fixa, foi sorteado em amostras probabilísticas, respondendo ao questionário. As variáveis independentes analisadas foram de natureza demográfica, comportamental e de morbidade referida. Foram estimadas prevalências e razões de prevalência brutas e ajustadas da saúde auto-avaliada como ruim utilizando regressão de Poisson. RESULTADOS: Saúde auto-avaliada como ruim foi mais freqüente em mulheres, em indivíduos mais idosos, de menor escolaridade, sem atividade ocupacional, e residentes em capitais do Norte e do Nordeste; entre homens, a prevalência de auto-avaliação da saúde ruim foi mais elevada na região Sudeste comparativamente à Sul. Fumar > 20 cigarros/dia, não praticar atividade física no lazer regularmente e apresentar baixo peso ou obesidade associaram-se a auto-avaliação de saúde como sendo ruim em ambos os sexos; pré-obesidade e consumo freqüente de frutas e hortaliças foram significantes entre mulheres e, não assistir televisão, entre os homens. A prevalência de saúde como sendo ruim cresceu com o aumento do número de morbidades referidas. Apresentar quatro ou cinco morbidades resultou em RP=11,4 entre homens e RP=6,9 entre mulheres, em comparação àqueles que não apresentavam morbidades. CONCLUSÕES: Desigualdades regionais, de sexo e escolaridade foram observadas na prevalência da saúde auto-avaliada como ruim, e sua associação com comportamentos nocivos à saúde e comorbidades reforçam a necessidade de estratégias de promoção de hábitos saudáveis e de controle de doenças cr

  19. Prevalência de excesso de peso e obesidade e fatores associados, Brasil, 2006 Prevalencia de exceso de peso y obesidad y factores asociados, Brasil, 2006 Prevalence of overweight and obesity and associated factors, Brazil, 2006

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Denise Petrucci Gigante

    2009-11-01

    Full Text Available OBJETIVO: Estimar a prevalência de excesso de peso e obesidade e fatores associados. MÉTODOS: Foram analisados dados referentes a indivíduos com idade >18 anos entrevistados pelo sistema de Vigilância de Fatores de Risco e Proteção para Doenças Crônicas por Inquérito Telefônico (VIGITEL, realizado nas capitais brasileiras e Distrito Federal em 2006. Para 49.395 indivíduos, o índice de massa corporal (IMC foi utilizado para identificar excesso de peso (IMC 25-30 kg/m² e obesidade (IMC >30 kg/m². Prevalência e razões de prevalência foram apresentadas segundo variáveis sociodemográficas, escolaridade e condição de saúde/comorbidades e auto-avaliação da saúde, estratificadas por sexo. Utilizou-se regressão de Poisson para análises brutas e ajustadas por idade. RESULTADOS: A prevalência de excesso de peso foi de 47% para os homens e 39% para as mulheres, e de obesidade, 11% para ambos os sexos. Observou-se associação direta entre excesso de peso e escolaridade entre homens, e associação inversa entre mulheres. Obesidade foi mais freqüente entre os homens que viviam com companheira e não esteve associada com escolaridade ou cor da pele. As prevalências de excesso de peso e obesidade foram mais altas entre mulheres negras e que viviam com companheiro. A presença de diabetes, hipertensão arterial sistêmica e dislipidemias, bem como considerar sua saúde como regular ou ruim, também foram referidas pelos entrevistados com excesso de peso ou obesidade. CONCLUSÕES: Enquanto cerca de um de cada dois entrevistados foram classificados com excesso de peso, obesidade foi referida por um de cada dez entrevistados. Variáveis socioeconômicas e demográficas, bem como morbidades referidas, foram associadas com excesso de peso e obesidade. Esses resultados foram similares àqueles encontrados em outros estudos brasileiros.OBJETIVO: Estimar la prevalencia de exceso de peso y obesidad y factores asociados. MÉTODOS: Fueron

  20. Fatores de risco para consultas em pronto-socorro por crianças asmáticas no Sul do Brasil Asthmatic children's risk factors for emergency room visits, Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Moema Chatkin

    2000-10-01

    Full Text Available OBJETIVOS: Traçar um perfil das crianças asmáticas do município de Pelotas, RS, conhecer o manejo da doença e os fatores de risco associados a consultas em pronto-socorro, motivadas por asma. MÉTODOS: Estudo transversal aninhado a um estudo de coorte, realizado na área urbana de Pelotas, cidade de médio porte do Sul do Brasil. Participaram 981 crianças de 4-5 anos, pertencentes à coorte de 1993. RESULTADOS: A prevalência de asma encontrada na amostra estudada foi de 25,4%. A morbidade por asma foi elevada: 31% das crianças asmáticas haviam procurado o pronto-socorro no último ano, 57% tinham consultado médico e 26%, de 1 a 4 anos, foram internadas por asma. Na análise geral, escolaridade e renda familiar baixas associaram-se com consultas em pronto-socorro (RO=4,1 para 0 a 4 anos de escolaridade e RO=6,5 para menos de 1 salário-mínimo. Dormir em quartos com 3 ou mais pessoas também mostrou-se associado (RO=2,2, bem como severidade das crises (RO=2,7, uso de medicamentos para asma no último ano (RO=1,9 e internações por asma (RO=3,0. CONCLUSÕES: A prevalência de asma entre crianças pré-escolares em Pelotas é alta, levando a grande morbidade. Encontraram-se como fatores preditores de consultas em pronto-socorro por asma, após análise multivariada, a baixa escolaridade das mães, severidade das crises e internação por asma.OBJECTIVES: To study a sample of asthmatic children to get to know how the disease is managed by caretakers and to identify predictive factors associated with attendance in emergency room for asthma. METHODS: A cross-sectional study nested in a cohort was undertaken in the urban area of Pelotas, Southern Brazil. 981 children aged 4-5 years, who belong to the cohort of 1993, participated in this study. RESULTS: The asthma prevalence in the children sample was 25.4%. Morbidity for asthma was quite high: 31% of the children were seen in emergency rooms in the last year, 57% attended medical clinics and

  1. Added sugars: consumption and associated factors among adults and the elderly. São Paulo, Brazil Açúcares de adição: consumo e fatores associados entre adultos e idosos. São Paulo, Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Milena Baptista Bueno

    2012-06-01

    Full Text Available OBJECTIVE: To investigate added sugar intake, main dietary sources and factors associated with excessive intake of added sugar. METHODS: A population-based household survey was carried out in São Paulo, the largest city in Brazil. Cluster sampling was performed and the study sample comprised 689 adults and 622 elderly individuals. Dietary intake was estimated based on a 24-hour food recall. Usual nutrient intake was estimated by correcting for the within-person variance of intake using the Iowa State University (ISU method. Linear regression analysis was conducted to identify factors associated with added sugar intake. RESULTS: Average of energy intake (EI from added sugars was 9.1% (95% CI: 8.9%; 9.4% among adults and 8.4% (95% CI: 8.2%; 8.7% among the elderly (p OBJETIVO: Avaliar o consumo alimentar, principais fontes dietéticas e fatores associados à ingestão acima da recomendação de açúcares de adição. MÉTODOS: Um inquérito populacional domiciliar foi realizado em São Paulo, a maior cidade do Brasil. A população de estudo foi obtida por um processo de amostragem por conglomerados e composta por 689 adultos e 622 idosos. O consumo alimentar foi estimado por um recordatório de 24 horas. Os valores nutricionais foram ajustados pela variância intra pessoal, utilizando o método instituído pela Universidade de Iowa (ISU. A regressão linear foi conduzida para identificar os fatores associados ao consumo de açúcares de adição s. RESULTADOS: A média de energia proveniente dos açúcares de adição foi de 9,1% (IC 95%: 8,9%; 9,4% entre adultos e 8,4% (IC 95%: 8,2%; 8,7% entre idosos (p < 0,05. A média do consumo de açúcares de adição foi maior entre mulheres quando comparada à dos homens (p < 0,05. A principal fonte de açúcares de adição foi refrigerante entre adultos, enquanto que entre idosos foi açúcar de mesa. O consumo de açúcares de adição aumentou conforme a idade entre adultos. Além disso, o alto n

  2. Corrimento vaginal referido entre gestantes em localidade urbana no Sul do Brasil: prevalência e fatores associados Self-reported vaginal discharge among pregnant women in an urban area in Southern Brazil: prevalence and associated factors

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Tânia M. V. da Fonseca

    2008-03-01

    Full Text Available Por intermédio de delineamento transversal, buscou-se determinar a prevalência e identificar fatores associados à ocorrência de corrimento vaginal referido entre gestantes da cidade de Rio Grande, Rio Grande do Sul, Brasil. Utilizando-se de questionário padrão, foram investigadas características sócio-econômicas, demográficas, reprodutivas, condições de moradia, assistência recebida e ocorrência de corrimento vaginal referido entre estas gestantes. Para as comparações entre proporções utilizou-se teste do qui-quadrado e para análise multivariada regressão de Poisson. Dentre as 339 gestantes estudadas, 51,6% referiram corrimento vaginal na gestação. As seguintes variáveis mostraram-se significativamente associadas à ocorrência de corrimento vaginal referido: idade (razão de prevalências: RP= 1,49, estado civil (RP = 1,31, ocorrência de infecção urinária (RP = 1,56, hiperglicemia na gestação atual (RP = 1,48, uso de dispositivo intra-uterino (RP = 2,35, ocorrência prévia de parto prematuro (RP = 1,37 e utilização de anticoncepcional oral como fator de proteção (RP = 0,79. Este estudo mostrou prevalência elevada de corrimento vaginal referido entre as gestantes estudadas e permitiu identificar aquelas com maior risco de adoecer por esta causa, o que pode contribuir para a adoção de medidas preventivas.The purpose of this study was to determine the prevalence and risk factors associated with self-reported vaginal discharge among pregnant women in the city of Rio Grande, South Brazil. Using a cross-sectional design, a standard interview was applied to pregnant women at home by previously trained interviewers, covering the following: demographic, reproductive, and socioeconomic data, household conditions, health care, and illnesses during pregnancy, including vaginal discharge. The chi-square test was used to compare proportions, and Poisson regression was used in the multivariate analysis. Among the 339

  3. Habilidades Sociais em Alcoolistas: Um Estudo Comparativo

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Flaviane Bevilaqua Felicissimo

    Full Text Available RESUMO O presente estudo objetivou comparar o repertório de habilidades sociais (HS de dependentes e não dependentes de álcool a fim de verificar se um menor repertório de HS constitui uma característica dessa população. Foram entrevistados 123 alcoolistas e 114 usuários de serviços de saúde com baixo ou nenhum consumo de álcool, utilizando questionário sociodemográfico, Mini International Neuropsychiatric Interview e o Inventário de Habilidades Sociais. Os dados foram analisados quantitativamente e indicaram uma diferença significativa no repertório de HS, especificamente no fator de autocontrole da agressividade, indicando um pior desempenho dessa habilidade em alcoolistas. Os resultados sugerem que a avaliação dessa característica deva ser considerada no tratamento do alcoolismo e associada ao plano terapêutico.

  4. Colesterol total e fatores associados: estudo de base escolar no sul do Brasil Colesterol total y factores asociados: estudio de base escolar en el sur del Brasil Associated factors to total cholesterol: school based study in southern Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Mauren Lúcia de Araújo Bergmann

    2011-07-01

    Full Text Available FUNDAMENTO: Evidências têm sugerido que uma parcela importante de crianças e adolescentes apresenta níveis elevados de colesterol total. OBJETIVO: Estimar a prevalência de hipercolesterolemia e fatores associados em escolares de 7 a 12 anos de idade. MÉTODOS: Estudo transversal de base escolar de uma amostra aleatória composta por 1.294 escolares de 7 a 12 anos, de Caxias do Sul (RS. Os escolares responderam a uma entrevista com informações sobre nível socioeconômico, hábitos alimentares e hábitos de atividade física e de lazer. Foram realizadas medidas de colesterol total, de aptidão cardiorrespiratória, de massa corporal, estatura para o cálculo do índice de massa corporal. Para o tratamento dos dados foram utilizadas as análises univariada, bivariada e multivariada. RESULTADOS: A análise multivariada identificou que indivíduos com o nível socioeconômico alto (OR: 1,70; IC: 1,05-2,75, do sexo feminino (OR: 1,32; IC: 1,03-1,67, e com excesso de peso (OR: 1,40; IC: 1,10-1,77 apresentam chances aumentadas de terem colesterol total aumentado (> 3º tercil. CONCLUSÃO: Elevados níveis de colesterol total em escolares de 7 a 12 anos estão associados ao nível socioeconômico alto, ao sexo feminino e ao excesso de peso. O incentivo a um estilo de vida ativo e a hábitos alimentares adequados pode auxiliar no controle dos níveis de colesterol e diminuir os fatores de risco.FUNDAMENTO: Evidencias han sugerido que una parte importante de niños y adolescentes presenta niveles elevados de colesterol total. OBJETIVO: Estimar la prevalencia de hipercolesterolemia y factores asociados en escolares de 7 a 12 años de edad. MÉTODOS: Estudio transversal de base escolar de una muestra aleatoria compuesta por 1.294 escolares de 7 a 12 años, de Caxias do Sul (RS. Los escolares respondieron una entrevista con informaciones sobre nivel socioeconómico, hábitos alimenticios y hábitos de actividad física y de ocio. Fueron realizadas

  5. fatores associados

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Jenny Karol Gomes Sato Sgobero

    2015-01-01

    Full Text Available Identificar algunos factores asociados a la violencia física por compañero íntimo en el embarazo. Estudio trasversal con 358 pu érperas habitantes del municipio de Maringá (Paraná, Brasil, atendidas por el Sistema Único de Salud, en el que se utilizó el instrume nto World Health Organization Violence Against Women. El análisis de asociación se realizó por medio del Odds Ratio (OR. La prevalencia de la violencia física por compañero íntimo en el embarazo fue de 7,5%, siendo mayor entre las multigestas (89%; OR = 6,3; p<0,001. Hubo asociación significativa de la violencia física por compañero íntimo en el embarazo con no tener religión (OR = 3,1; p = 0,008, haber fumado en el embarazo (OR = 2,7, p = 0,025 y haber tenido hijo de otra pareja (OR = 3,4; p = 0,011. En relación con las características de la pareja, hubo asociación con el no haber trabajado durante el embarazo OR = 8,2; p<0,001 y el uso de drogas ilícitas (OR = 3,1, p = 0,0 31. Los profesionales de salud que atienden en el prenatal deben investigar posibles ocurrencias de violencia física en el embarazo, so bre todo en mujeres multigestas, y ofrecer atención multidisciplinaria extensiva a la familia, desde la planeación hasta el cuidado psicosocial.

  6. Factors associated with condom use in women from an urban area in southern Brazil Fatores associados ao uso do preservativo entre mulheres de uma área urbana no Sul do Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Mariângela Freitas da Silveira

    2005-10-01

    Full Text Available This study investigated the prevalence of factors associated with condom use during last sexual intercourse in 15-49-year-old women in a probabilistic sample from the urban area of Pelotas, southern Brazil. A questionnaire administered by an interviewer, investigating socioeconomic characteristics and habits, and another (self-administered questionnaire on sexual behavior-related variables were used. Poisson regression, following a hierarchical model, was used for data analysis. 1,543 women were included, and losses and refusals amounted to 3.5%. Prevalence of condom use in last sexual intercourse was 28.0%. Condom use was positively associated with younger age, greater schooling, non-white color, single marital status, and greater number of sex partners in the previous three months. This suggests that the group most vulnerable to STDs/AIDS due to lack of condom use is white, adult women, in stable unions, with fewer sexual partners.Este estudo investigou a prevalência de fatores associados com o uso de preservativos na última relação sexual em mulheres de 15-49 anos de idade, de uma amostra probabilística da área urbana de Pelotas, Sul do Brasil. Um questionário administrado por uma entrevistadora investigou características sócio-econômicas e hábitos pessoais e outro, auto-aplicado, foi utilizado para investigar variáveis relacionadas ao comportamento sexual. Na análise dos dados foi utilizada a regressão de Poisson, segundo um modelo hierárquico, com 1.543 mulheres incluídas, sendo as perdas e recusas de 3,5%. A prevalência do uso de preservativos na última relação sexual foi de 28,0%. Esse uso esteve associado positivamente com menor idade, maior escolaridade, cor não branca, ser solteira e ter tido maior número de parceiros nos últimos três meses. Sugere que o grupo mais vulnerável a DST/AIDS devido ao não uso de preservativos são as mulheres brancas, adultas, em uniões estáveis e com menos parceiros sexuais.

  7. Fatores associados ao consumo de frutas, legumes e verduras em adultos de uma cidade no Sul do Brasil Factors associated with fruit and vegetable intake among adults in a southern Brazilian city

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marilda Borges Neutzling

    2009-11-01

    Full Text Available O objetivo deste estudo foi descrever a freqüência de consumo de frutas, legumes e verduras por adultos de 20 a 69 anos de Pelotas, Rio Grande do Sul, Brasil, e analisar fatores associados. Foi realizado em 2006 um estudo transversal de base populacional, incluindo 972 adultos. A freqüência do consumo de frutas, legumes e verduras foi medida por meio de três perguntas referentes ao consumo habitual destes no ano anterior. O desfecho foi o consumo regular de frutas, legumes e verduras. Cerca de 1/5 da população adulta (20,9% consumia regularmente frutas, legumes e verduras. Indivíduos do sexo feminino, com 60 anos ou mais, das classes A e B, ex-fumantes e não sedentários apresentaram maior prevalência de consumo de frutas e legumes e verduras. A freqüência do consumo de frutas, legumes e verduras na população adulta residente no Município de Pelotas está aquém das recomendações atuais do Ministério da Saúde, em especial entre os homens mais jovens, de menor nível sócio-econômico e que não praticam atividade física no lazer. Políticas públicas que estimulem uma alimentação saudável são urgentemente necessárias.The study aimed to describe the frequency of fruit and vegetable intake among adults (20-69 years of age and to identify associated factors. This population-based study in 2006 included 972 adults in Pelotas, Southern Brazil. Consumption of fruits and vegetables was evaluated with three questions on habitual food intake during the year prior to the interview. The outcome variable was regular consumption of fruits and vegetables. Only one in five adults (20.9% reported consuming fruits and vegetables regularly. Female gender, age 60 years or older, higher socioeconomic status, former smoking, and physical activity were associated with the outcome variable. According to the results, fruit and vegetable intake among adults fails to meet current Ministry of Health recommendations, particularly among male, young

  8. Percepção de saúde e fatores associados em industriários de Santa Catarina, Brasil Self-perceived health and associated factors in industrial workers from Santa Catarina State, Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Silvio Aparecido Fonseca

    2008-03-01

    Full Text Available O objetivo foi identificar a prevalência e os fatores associados à percepção negativa de saúde em trabalhadores da indústria no Estado de Santa Catarina, Brasil. Para tanto, foi realizado estudo transversal em amostra representativa de 2.574 sujeitos (62,5% - homens. A percepção negativa de saúde foi o desfecho investigado em relação a variáveis demográficas, sócio-econômicas, perceptivas (estresse e sono e de saúde. Análise de regressão logística multivariável não condicional baseada em modelo hierárquico foi utilizada para explorar associações. A percepção negativa de saúde foi baixa (11,8% e positivamente associada com a faixa etária, atividade física de lazer, percepção da qualidade do sono, percepção do estresse e sexo. Em contrapartida, a renda familiar bruta e o nível de escolaridade associaram-se inversamente ao desfecho. Industriários que exerciam trabalhos de maior demanda física e aqueles classificados nos extremos das categorias do índice de massa corporal (30kg/m² apresentaram maiores prevalências de percepção negativa de saúde. Diferenças significativas de acordo com o estado civil, consumo de bebidas alcoólicas (binge drinking e tabagismo não foram verificadas. Poucas associações foram reveladas para o sexo feminino.The purpose of this study was to determine the prevalence of negative self-perceived health and associated factors among industrial workers in Santa Catarina State, in southern Brazil. A cross-sectional investigation was conducted with a representative sample of 2,574 subjects (62.5% men. Negative self-perceived health (fair or poor was the outcome investigated in association with demographic, socioeconomic, and other health indicators. Multivariate analysis was performed through logistic regression based on a hierarchical model. Negative self-perceived health was exceptional (11.8%, but positively associated with age, leisure physical activity, perceived quality of

  9. Prevalência e fatores associados à doença renal crônica em pacientes internados em um hospital universitário na cidade de São Paulo, SP, Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Natalia Alencar de Pinho

    2015-03-01

    Full Text Available Introdução: A doença renal crônica (DRC constitui importante problema de saúde pública mundial. Contudo, dados sobre prevalência e comorbidades são escassos no Brasil. Objetivo: Identificar a prevalência e fatores associados à DRC em pacientes internados em um hospital universitário. Métodos: Foram selecionados, aleatoriamente, 826 prontuários de pacientes internados em clínica médica. A DRC foi baseada no diagnóstico médico descrito no prontuário. Foram coletadas informações clínico-demográficas e feitas comparações entre pacientes com e sem DRC. Resultados: A prevalência de DRC foi 12,7%. Os pacientes com DRC se distinguiram daqueles sem a doença (p < 0,05 por terem companheiro (59,8% vs. 47,3%; idade mais elevada (65,8 ± 15,6 vs. 55,3 ± 18,9 anos; mais comorbidades como hipertensão arterial (75,2% vs. 46,3%, diabetes (49,5% vs. 22,4%, dislipidemia (23,8% vs. 14,9%, infarto do miocárdio (14,3% vs. 6,0% e insuficiência cardíaca congestiva (18,1% vs. 4,3%; maior período de internação (11 (8-18 vs. 9 (6-12 dias e; mais óbitos (12,4% vs. 1,4%. A análise de regressão logística indicou associação independente (OR, odds ratio; IC, intervalo de confiança de 95% da DRC com idade (OR 1,019, IC 1,003-1,036, hipertensão arterial (OR 2,032, IC 1,128-3,660, diabetes (OR 2,097, IC 1,232-3,570 e insuficiência cardíaca congestiva (OR 2,665, IC 1,173-6,056. Conclusão: A prevalência de DRC em pacientes internados em clínica médica foi alta, sendo estes pacientes clinicamente mais complexos, visto apresentarem idade mais elevada e maior número de comorbidades, refletindo em maior risco de óbito durante internação hospitalar.

  10. Factors associated with safe sex among public school students in Minas Gerais, Brazil Fatores associados a sexo seguro entre alunos de escolas públicas em Minas Gerais, Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Francisco José Machado Viana

    2007-01-01

    Full Text Available A cross-sectional study was conducted to evaluate factors associated with safe sex among sexually active public school students in Minas Gerais State, Brazil. The study focused on correlations between the variables gender, age, schooling, current grade, ethnicity, religion, importance attributed to religion, mothers' education, prior exposure to any sex education, promotion of juvenile protagonism, and participation by health professionals in school activities and consistent condom use with casual or stable partners and with use of other modern contraceptive methods. Bivariate and multivariate logistic regression analyses were used. Male gender and participation by health professionals in school activities were positively associated with all indicators of safe sex, and maternal schooling of more than eight years was positively associated with consistent condom use with casual and stable partners. Secondary (versus elementary schooling and age (older were inversely associated with consistent condom use with casual and stable partners, respectively. Ascribing greater importance to religion and Evangelical religion were negatively associated with use of modern contraceptives in the last sexual intercourse.Foi realizado um estudo de corte transversal para avaliar fatores associados à prática de sexo seguro entre estudantes sexualmente ativos de escolas públicas de Minas Gerais, Brasil. Estudou-se a associação de sexo, idade, escolaridade, turno, cor da pele, religião e importância dada à religião, educação da mãe, exposição à educação sexual, promoção do protagonismo juvenil pela escola e participação de profissionais de saúde no ensino, com uso consistente de condom com parceiro casual ou fixo, e uso de anticoncepcionais modernos. Utilizou-se análise bivariada e regressão logística multivariada. Ser do sexo masculino e ter envolvimento de profissionais de saúde no ensino estiveram positivamente associados com todos os

  11. Fatores associados à anemia em crianças e adolescentes de escolas públicas de Salvador, Bahia, Brasil Factors associated with anemia in children and adolescents in public schools in Salvador, Bahia State, Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cristiane Queiroz Borges

    2009-04-01

    Full Text Available Trata-se de um estudo para avaliar os fatores associados à anemia. Participaram deste estudo 1.013 indivíduos com idade entre 7 e 14 anos, matriculados na rede pública de ensino em Salvador, Bahia, Brasil. Os participantes foram submetidos a exame de sangue para dosagem de hemoglobina, exame antropométrico e obtiveram-se informações sobre consumo alimentar e condições sócio-econômicas, domiciliares e ambientais da família, além do cuidado materno dispensado à criança. Foi detectada uma prevalência de 24,5% de anêmicos entre os participantes, com valor médio dos níveis de hemoglobina de 12,68g/dL, concentração mínima de 7,7g/dL e máxima de 16,8g/dL. A anemia foi significativamente associada à inadequação crescente de consumo de ferro biodisponível (ORadequação entre 50% a 99,9% = 1,57; IC95%: 1,07-2,29;p = 0,020 e ORadequação This study aimed to assess factors associated with anemia in schoolchildren. All subjects (N = 1,013; age 7-14 yrs. were students enrolled in the public school system in Salvador, Bahia State, Brazil. Blood tests were done to determine hemoglobin levels, anthropometric data were collected, and a 24-hour food recall was performed. The study also gathered socioeconomic, environmental, and household data, as well as information on care by the mother. Anemia was detected in 24.5% of subjects, with mean hemoglobin of 12.68g/dL (range 7.7g-16.8g/dL. Anemia was significantly associated with inadequate intake of bioavailable iron (OR50-99.9% adequacy = 1.57; 95%CI: 1.07-2.29; p = 0.020 and OR< 50% adequacy = 1.68; 95%CI: 1.10-2.56; p = 0.016 and family income below 1 minimum wage (OR = 1, 42; 95%CI: 1.03-1.96; p = 0.035. Anemia prevalence in children and adolescents was high, especially among the poorest subjects and those with low intake of bioavailable iron.

  12. Automedicação em idosos residentes em Campinas, São Paulo, Brasil: prevalência e fatores associados Self-medication in the elderly population of Campinas, São Paulo State, Brazil: prevalence and associated factors

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marcelo Antunes de Oliveira

    2012-02-01

    Full Text Available O objetivo foi avaliar a prevalência e fatores associados à automedicação em idosos e identificar os principais fármacos consumidos sem prescrição. Estudo transversal de base populacional, com amostra estratificada por conglomerados e em dois estágios realizado em Campinas, São Paulo, Brasil, em 2008-2009. Dos 1.515 idosos, 80,4% referiram uso de ao menos um medicamento nos três dias anteriores à pesquisa. Desses, 91,1% relataram consumo exclusivo de medicamentos prescritos e o restante (8,9%, uso simultâneo de prescritos e não prescritos. Após ajuste, idade > 80 anos, hipertensão arterial, presença de doenças crônicas, uso de serviços de saúde, realização de consultas odontológicas e filiação a plano médico de saúde estiveram associadas negativamente, e renda per capita, positivamente à automedicação. Os fármacos sem prescrição mais consumidos foram dipirona, AAS, diclofenaco, Ginkgo biloba, paracetamol e homeopáticos. Sobretudo entre idosos, a assistência farmacêutica deve ser priorizada para evitar o uso incorreto de medicamentos e garantir o acesso aos fármacos necessários ao tratamento.The aim of this study was to evaluate the prevalence and causative factors associated with self-medication in the elderly and identify the main drugs consumed without prescription. A cross-sectional population-based study with stratified clustered two-stage sampling was performed in Campinas, São Paulo, Brazil in 2008 and 2009. Of the 1,515 elderly studied, 80.4% reported using at least one drug duringthe three days preceding the survey. Of these, 91.1% reported the use of prescription drugs only and the remainder (8.9% reported simultaneous use of prescribed and non prescribed drugs. After adjustment, a negative association between age > 80 years, hypertension, chronic diseases, use of health services, dental consultations and adherence to a medical plan,and self-medication was found, whereas a positive association was

  13. Auto-estima e fatores associados em gestantes da cidade de Pelotas, Rio Grande do Sul, Brasil Self-esteem and associated factors in pregnant women in the city of Pelotas, Rio Grande do Sul State, Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Michelle de Souza Dias

    2008-12-01

    Full Text Available O estudo tem como objetivo mensurar a auto-estima e fatores associados em gestantes atendidas pelo Sistema Único de Saúde (SUS na cidade de Pelotas, Rio Grande do Sul, Brasil. É do tipo transversal, tendo-se entrevistado 560 gestantes nos meses de maio a novembro de 2006, nos ambulatórios e enfermarias dos hospitais universitários e do centro de atendimento da Prefeitura Municipal. Dentre as gestantes atendidas, 62,9% receberam o diagnóstico de alto-risco. Para avaliação da auto-estima foi utilizada a escala de Rosenberg. Na amostra total a média de pontos na escala foi de 9,2 e o desvio-padrão de 4,6. As variáveis associadas positiva e significativamente com auto-estima foram idade, nível de escolaridade e nível econômico. Já as variáveis percepção de risco à saúde do bebê e número de gestações mostraram-se associadas negativamente à auto-estima. Além disso, as gestantes com condição gestacional de alto-risco têm uma auto-estima mais elevada quando comparadas com as de baixo-risco.This study analyzes self-esteem and associated factors in pregnant women treated by the Unified National Health System (SUS in the city of Pelotas, Rio Grande do Sul State, Brazil. Using a cross-sectional design, 560 pregnant women were interviewed from May to November 2006. The interviews were held in specific locations like University outpatient clinics and hospital wards and a center run by the city government. A full 62.9% were diagnosed as high-risk pregnancies. Mean self-esteem according to the Rosenberg scale was 9.2 (SD = 4.6. Variables showing a positive, significant association with self-esteem were age, schooling, and income. Perception of risk to the unborn infant's health and parity were both negatively associated with maternal self-esteem. These high-risk pregnant women also showed higher self-esteem than low-risk pregnant women.

  14. Estado nutricional e fatores associados em idosos do Município de Viçosa, Minas Gerais, Brasil Nutritional status and associated factors among the elderly in Viçosa, Minas Gerais State, Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Clarissa de Matos Nascimento

    2011-12-01

    Full Text Available Investigaram-se as prevalências de baixo peso e excesso de peso, bem como os fatores associados em idosos. Trata-se de um estudo transversal, com 621 idosos residentes no Município de Viçosa, Minas Gerais, Brasil, realizado em 2009. As informações foram obtidas por meio de entrevistas domiciliares e se referiam à avaliação do estado nutricional, condições sociodemográficas e de saúde. Do total de pessoas estudadas, 53,3% eram do gênero feminino. A mediana do IMC foi de 26,40kg/m² (mínima 15,20 e máxima 46,82 e foi menor para os homens do que para as mulheres. A prevalência de excesso de peso foi elevada (45%; IC95%: 40%-49%, diminuiu com a idade, associou-se positivamente ao gênero feminino e história de artrite/artrose, e negativamente à faixa etária de 80 anos ou mais e ao tabagismo. A prevalência de baixo peso foi maior no gênero masculino (18,2%, aumentou com o avanço da idade e associou-se positivamente à pior percepção de saúde. O conjunto dos resultados salientam a importância de estratégias em saúde que favoreçam mudanças no estilo de vida e hábitos alimentares saudáveis.This cross-sectional study in 2009 focused on the prevalence of underweight and overweight and associated factors in a sample of 621 elderly individuals in Viçosa, Minas Gerais State, Brazil. Data were obtained through home interviews on nutritional status and socio-demographic and health conditions. Of the total sample, 53.3% were females. Median BMI was 26.40kg/m² (range = 15.20-46.82 and was lower for men than for women. Prevalence of overweight was high (45%; 95%CI: 40%-49%, decreased with age, was positively associated with female gender and history of arthritis/arthrosis, and was negatively associated with age 80 years or older and smoking. Prevalence of underweight was high in men (18.2%, increased with age, and was positively associated with worse self-rated health. The findings highlight the importance of health strategies

  15. Prevalência de dor nas costas e fatores associados em adultos do sul do Brasil: estudo de base populacional Prevalence and associated factors of back pain in adults from southern Brazil: a population-based study

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Gustavo D. Ferreira

    2011-02-01

    Full Text Available OBJETIVOS: Determinar a prevalência de dor nas costas e fatores associados em uma amostra representativa da cidade de Pelotas, RS, Brasil. MÉTODOS: Estudo transversal que avaliou 972 adultos com idade entre 20 e 69 anos, de ambos os sexos, moradores da zona urbana do município. O questionário aplicado incluiu questões socioeconômicas, demográficas, comportamentais e de saúde. Dor nas costas foi definida como qualquer dor ou desconforto em algum local das costas nos últimos 12 meses, seja na região cervical, torácica ou lombar. RESULTADOS: A prevalência de dor nas costas foi de 63,1% (IC95% 60,0 a 66,1, sendo a região lombar a mais referenciada (40%. Sexo feminino 1,24 (1,12 a 1,37 e percepção ruim de saúde (pOBJECTIVES: To identify the prevalence of spinal pain and possible prognostic factors in a representative sample of Pelotas, RS, Brazil. METHODS: Cross-sectional study evaluated 972 adults aged between 20 and 69 years, of both sexes, residents in a urban area. The questionnaire included socio-economic, demographics, behavioral and health-related questions. Spinal pain was defined as any pain or discomfort in the spine somewhere in the last 12 months, either in the cervical, thoracic or lumbar area. RESULTS: The prevalence of spinal pain was 63.1% (95% CI 60.0 to 66.1 being lower back the most prevalent condition (40%. Female gender 1.24 (1.12 to 1.37 and poor health status(p<0.001 were the variables that remained associated with the presence of spinal pain in the final model. CONCLUSIONS: The prevalence of back pain is important as it is associated with activity limitation and with health care utilization.

  16. A academia e participação social no Brasil: teses e dissertações sobre movimentos sociais produzidas na Unicamp e na Usp entre 1970 e 1995

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Samira Kauchakje

    2002-01-01

    Full Text Available Este artigo apresenta algumas reflexões suscitadas por uma pesquisa de doutoramento que versava sobre teses e dissertações acerca de movimentos sociais produzidas na USP e UNICAMP. A partir de alguns dados deste estudo, este artigo desenvolve-se tendo como pressuposto que há ligação entre interesse acadêmico e realidade socialThis article to present some meditation to one research of graduat about thesis and dissertation about social movement to make in USP and UNICAMP. To breack some consideration in that study, this article developing to support to have a alliance between academic interest and social reality.

  17. Responses of freshwater molluscs to environmental factors in Southern Brazil wetlands Respostas de moluscos límnicos a fatores ambientais em áreas úmidas do sul do Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    L. Maltchik

    2010-08-01

    Full Text Available Freshwater molluscs play an important role in aquatic ecosystems, providing food for many fish species and vertebrates. Investigations on factors that determine mollusc species richness and distribution in wetland systems are scarce in the Neotropical region. The main goal of this study was to determine how much variation in mollusc richness and composition is explained by area, hydroperiod, altitude, water conductivity, and dominant aquatic vegetation. This survey was performed in an extensive area of a Neotropical region (~280,000 km² in southern Brazil, with a large number of wetland systems (111 and covering a wide gradient of altitude and wetland surface area. The mollusc richness was positively associated with wetland area and negatively associated with altitude. The richness and composition of the freshwater molluscs were similar between permanent and intermittent wetlands and it did not differ significantly between aquatic bed and emergent wetlands. The first three axes of CCA explained 16.2% of the total variation in the composition of the freshwater mollusc observed. The variation in the composition had a correlation with wetland area, altitude and water conductivity. Our results showed that the wetlands are important habitats for molluscs in southern Brazil, and that the richness and the composition of molluscs were associated with area, altitude, water conductivity and dominant vegetation.Moluscos límnicos desempenham um papel importante em ecossistemas aquáticos, fornecendo alimento para diversos peixes e vertebrados. Investigações sobre os fatores que determinam a riqueza e a distribuição das espécies de moluscos em áreas úmidas são escassos na região neotropical. O principal objetivo deste estudo foi determinar a variação na riqueza e na composição de moluscos em função da área, hidroperíodo, altitude, condutividade da água e tipo de vegetação aquática dominante. Este estudo foi desenvolvido em uma extensa

  18. Temas e enfoques contemporâneos nas Ciências Sociais e Humanas no Brasil: expressões e tendências refletidas no V congresso da área Contemporary themes and approaches in social and human sciences in Brazil: manifestations and trends in the field's fifth national congress

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Leny Alves Bonfim Trad

    2012-12-01

    Full Text Available O V Congresso de Ciências Sociais e Humanas em Saúde da ABRASCO (São Paulo, Brasil, 2011 teve como tema central O Lugar das Ciências Sociais na Saúde Coletiva e propiciou um amplo processo de reflexão acerca da abrangência e importância das contribuições desta área ao campo da Saúde Coletiva. Este artigo discutirá a produção científica do evento, procurando, oportunamente, traçar tendências e perspectivas contemporâneas da área. No conjunto da programação científica, deter-me-ei na produção veiculada nos Grupos Temáticos (GT, metodologia que por primeira vez foi experimentada em congressos da ABRASCO, e que se constituiu no eixo central da programação científica do evento. A principal estratégia metodológica adotada foi a análise documental, apoiada nas seguintes fontes: os Anais do V Congresso de Ciências Sociais e Humanas em Saúde; o relatório final do evento. A análise comparada com os achados de revisão recente sobre a produção da área revelou permanência em termos de temas dominantes. Evidenciou-se também um incremento significativo das microanálises.The central theme of the 5th National Congress on Social and Human Sciences in Health held by ABRASCO in São Paulo, Brazil, in 2011 was The Place of Social Sciences in Public Health, fostering a broad process of reflection on the scope and importance of this area's contributions to the field of public health. The article discusses the event's scientific output, seeking to outline contemporary trends and perspectives in the area. Within the event's scientific program, the author focuses on the work produced by the Thematic Groups, a methodology tested for the first time in ABRASCO congresses and which has become the program's central thrust. The principal methodological strategy was document analysis, drawing on the proceedings of the 5th National Congress on Social and Human Sciences in Health and the event's final report. A comparison with the

  19. Dimensões humanas da biodiversidade: mudanças sociais e conflitos em torno de áreas protegidas no Vale do Ribeira, SP, Brasil Human dimensions of biodiversity: social changes and conflicts in protected áreas in Ribeira Valley, SP, Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Lúcia da Costa Ferreira

    2004-06-01

    Full Text Available O objetivo do artigo é discutir os marcos teóricos que sustentam a ação político-institucional da conservação da biodiversidade no Brasil. São discutidos os paradigmas de ilhas de biodiversidade circundadas por paisagens alteradas pela ação humana predatória; o paradigma bioregional, que prevê a criação e manutenção de redes de áreas protegidas integradas ao contexto regional e as mudanças de foco em direção às dinâmicas sociais no interior e no entorno das áreas consideradas prioritárias para conservação. A hipótese central prevê que o resultado da ação humana nas áreas protegidas se deve muito mais aos conflitos sociais em torno dessas áreas do que à agregação de populações tradicionais em torno do manejo sustentável dos recursos naturais. Serão analisados alguns resultados das pesquisas Floresta e mar: usos e conflitos no Vale do Ribeira, SP (Fapesp no. 99/14514-1 e Mudanças sociais e conflitos em áreas protegias na Amazônia e Mata Atlântica (Fapesp no. 01/07992-1.This article aims to discuss the theoretical frames that supports biodiversity conservation policy in Brazil: the paradigm of biodiversity isles surrounded by areas altered by predatory human action and the paradigm of regional biodiversity, which foresees the creation and maintenance of a network of protected areas integrated to their regional context and different perspectives of social dynamics within and in the surrounds of the areas taken as priorities for conservation. The main hypothesis is that the outcome of human activity in protected areas is mostly due to the social conflicts about these areas than to the aggregation of traditional populations into the process of natural resources sustainable management. The article will also analyze some results of previous research projects: Forest and sea: utilization and conflicts in the Ribeira Valley, SP (Fapesp n. 99/14514-1 and Social conflicts and changes in the Amazon and Atlantic

  20. Fatores associados à incapacidade funcional dos idosos no Brasil: análise multinível Factores asociados a la incapacidad funcional de los ancianos en Brasil: análisis multinivel Factors associated with functional disability of elderly in Brazil: a multilevel analysis

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luciana Correia Alves

    2010-06-01

    Full Text Available OBJETIVO: Analisar a influência dos fatores demográficos, socioeconômicos, de condições de saúde e do contexto das unidades da federação na incapacidade funcional dos idosos. MÉTODOS: Estudo transversal que utilizou dados da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílio (PNAD de 2003, do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE e do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea. A amostra foi constituída de 33.515 indivíduos com 60 anos ou mais de idade. A variável dependente foi a incapacidade funcional, mensurada pela dificuldade por subir ladeira ou escada. As variáveis independentes foram divididas em dois níveis: individual (características demográficas, socioeconômicas e relativas à saúde e de contexto (Índice de Gini e Produto Interno Bruto per capita por unidade da federação em 2000. Um modelo de regressão logística multinomial multinível foi utilizado para estimar o efeito das variáveis independentes na incapacidade funcional dos idosos. RESULTADOS: A incapacidade funcional foi associada com fatores demográficos, socioeconômicos e de saúde. Em nível individual, o sexo, a educação, a renda, a ocupação, a autopercepção de saúde e as doenças crônicas foram os fatores mais fortemente relacionados. Em nível de contexto, a desigualdade de renda exibiu uma importante influência. CONCLUSÕES: A autopercepção de saúde é o fator mais fortemente relacionado com a incapacidade funcional dos idosos no Brasil, seguida das doenças crônicas. Sexo, ocupação, escolaridade e renda também são altamente associados. Ações que abordam os principais fatores associados à incapacidade funcional podem contribuir significativamente para o bem-estar e qualidade de vida dos idosos.OBJETIVO: Analizar la influencia de los factores demográficos, socioeconómicos, de condiciones de salud y del contexto de las unidades de la federación en la incapacidad funcional de los ancianos. MÉTODOS: Estudio

  1. Bancroftian filariasis in two urban areas of Recife, Brasil: the role of individual risk factors Filariose bancroftiana em duas áreas urbanas do Recife, Brasil: o papel dos fatores de risco individuais

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    M. de Fátima Militão de Albuquerque

    1995-06-01

    Full Text Available Bancroftian filariasis is spreading in towns of endemic areas as in Recife, northeastern Brazil, where it is a major public health problem. This paper deals with the prevalence of microfilaraemia and filarial disease in two urban areas of Recife, studying their association with individual characteristics and variables related to the exposure to the vectors. The parasitologic survey was performed through a "door-to-door" census and microfilaraemia was examined by the thick-drop technique using 45µl of peripheral blood collected between 20:00 and 24:00 o' clock. 2,863 individuals aged between 5 and 65 years were interviewed and submitted to clinical examination. Males aged between 15 and 44 years old presented the greatest risk of being microfilaraemic. Microfilaraemia was also significantly associated with no use of bednet to sleep. The risk of being microfilaraemic was greater among those who had lived in the studied areas for more than 5 years. The overall disease prevalence was 6.3%. Males presented the greatest risk of developing acute disease. The risk of developing chronic manifestations was also greater among males and increased with age. We found no association between time of residence, bednet use, microfilaraemia and acute and chronic disease. We may conclude that in endemic areas there are subgroups of individuals who has a higher risk of being microfilariae carriers due to different behaviours in relation to vector contact.A Filariose bancroftiana está se disseminando em áreas urbanas de regiões endêmicas como no Recife, nordeste do Brasil, onde se constitui em um problema de saúde pública. Este artigo descreve a prevalência de microfilaremia e doença filarial em duas áreas urbanas do Recife, estudando sua associação com características individuais e variáveis relacionadas ao contacto com vetores. O inquérito parasitológico foi realizado através de um censo "porta-a-porta" e a pesquisa de microfilárias foi efetuada

  2. Transtornos mentais e pobreza no Brasil: uma revisão sistemática

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Dilma Ferreira da SILVA

    2012-12-01

    Full Text Available Os transtornos mentais são tidos como condições clinicamente significativas caracterizadas por alterações do modo de pensar e do humor ou por comportamentos associados com angústia e/ou deterioração do funcionamento pessoal. Objetivo: Avaliar a relação entre transtornos mentais e situação de pobreza no Brasil apresentada em estudos científicos. Método: Revisão sistemática da literatura científica referente ao período de 2004 a 2009 em busca integrada na Biblioteca Virtual em Saúde - BVS. Resultados: Os estudos pesquisados apontaram uma associação entre os transtornos mentais comuns e fatores associados à pobreza. Grande parte dos estudos referem-se às mulheres como a população mais acometida pelos TMC. Verificou-se também essa associação na população infantil. Conclusão: As desigualdades sociais no Brasil foi associada a problemas de saúde mental na população. Fatores como baixa escolaridade e gênero feminino quando associados à pobreza aumentam a prevalência de TMC. Mulheres apresentam maior prevalência de transtornos mentais comuns. A situação econômica compromete igualmente a saúde mental infantil. A divergência de critérios para classificar pobreza pelos autores é um fator que enfraquece a comparação entre os estudos.

  3. Ocorrência e fatores de risco associados às infecções por Toxoplasma gondii e Neospora caninum em cães no município de Natal, Estado do Rio Grande do Norte, Nordeste do Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Sabrina Barros Araujo Dantas

    2013-11-01

    Full Text Available O objetivo do presente trabalho foi determinar a frequência de anticorpos anti-Toxoplasma gondii e anti-Neospora caninum, bem como identificar fatores de risco em cães do município de Natal, Estado do Rio Grande do Norte, Nordeste do Brasil. Para tanto, foram colhidas amostras de sangue de 476 cães atendidos em clínicas veterinárias no período de março de 2011 e maio de 2012. Para o diagnóstico sorológico das infecções, foi utilizada a reação de imunofluorescência indireta (RIFI, adotando-se como pontos de corte as diluições 1:64 (T. gondii e 1:50 (N. caninum. Das 476 amostras, 55 (11,5%; IC 95%=8,8%-14,8% foram soropositivas para T. gondii, e 31 (6,5%; IC 95%=4,5%-9,1% para N. caninum. As variáveis idade > 48meses (OR=4,68 e acesso à rua (OR=4,91 foram identificadas como fatores de risco para T. gondii, enquanto que para N. caninum, os fatores de risco foram limpeza semanal/quinzenal/mensal do ambiente onde o animal vive (OR=2,77 e presença de ratos (OR=2,34. Conclui-se que as infecções por T. gondii e N. caninum, detectadas por sorologia, estão presentes em cães atendidos em clínicas veterinárias do município de Natal, bem como se recomenda a correção dos fatores de risco identificados.

  4. Silêncios e diálogos: o catolicismo e a defesa dos direitos sociais e humanos ante à intolerância política da ditadura militar no Brasil (1964-1985

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Lucília de Almeida Neves

    2009-05-01

    Full Text Available Os anos 1964-1985 se caracterizam pela mobilização popular e pela emergência de uma poderosa vontade de mudança social. Queria-se uma libertação das opressões históricas que a maioria do povo vinha sofrendo. Paradoxalmente, foi um tempo de autoritarismo e desrespeito aos direitos sociais e humanos. Este trabalho pretende analisar o movimento do catolicismo brasileiro, especialmente sua luta por esses direitos. Diversos aspectos atuam e influenciam no contexto político-religioso desse período. A reconstrução do significado desse movimento valeu-se de ampla documentação. Apesar dos entraves e das limitações, o catolicismo fez seu percurso e assinalou um passo importante na trajetória histórica desse período. Na compreensão e análise desse caminho, está a proposta deste estudo.Palabras clave: Catolicismo; Direitos sociais e humanos.ABSTRACTThe years 1964-1985 were characterised by popular mobilisation and the emergence of a powerful wish for social change, in the sence of a liberation from historical oppressions suffered by most people. Paradoxically, it was a time of authoritarianism and disregard for social and human rights. This paper aims at analysing the movemnt of Brazilian Catholicism, especially its fight for those rights. Various aspects play a part in and influence the political and religious context of that period. A wide range of documents was used for reconstructing the meaning of that movement. Despite hindrances and constraints, Catholicism made its way and pointed out an important step in the historical development of the period. This paper aims at understanding and analysing that way.Key words: Catholicism; Social and human rights.

  5. Fatores associados ao tempo de tela em estudantes do ensino médio de Fortaleza, região Nordeste do Brasil = Factors associated with screen time among high school students in Fortaleza, Northeastern Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Souza, Evanice Avelino de

    2015-01-01

    Conclusões: Fatores sociodemográficos e comportamentais, incluindo hábitos alimentares, estão associados ao tempo de tela em adolescentes. Contudo, os fatores associados diferiram de acordo com o tipo de aparelho mais utilizado (televisão ou computador /videogame. Estes aspectos devem ser considerados em programas de combate ao tempo sedentário no lazer em jovens

  6. Enobrecimento, trajetórias sociais e remuneração de serviços no império português: a carreira de Gaspar de Sousa, governador geral do Estado do Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Francisco Carlos Cosentino

    2009-01-01

    Full Text Available Esse trabalho estuda a carreira e a trajetória social dos fidalgos portugueses durante o Antigo Regime. Identifica os nexos que cercavam as suas estratégias para realizar essa trajetória, ressaltando a importância dos serviços prestados por eles à monarquia, por todo o império ultramarino. Essas estratégias se materializarão por meio da reconstrução da história de um fidalgo português, Gaspar de Sousa, governador geral do Estado do Brasil, entre 1612 e 1617.

  7. Fatores associados ao sedentarismo no lazer em idosos, Campinas, São Paulo, Brasil Variables associated with sedentary leisure time in the elderly in Campinas, São Paulo State, Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria Paula do Amaral Zaitune

    2007-06-01

    Full Text Available O objetivo deste estudo foi conhecer a prevalência de sedentários no lazer (que referem não praticar nenhum exercício físico no lazer ao menos uma vez por semana em idosos de Campinas, São Paulo, Brasil, segundo fatores demográficos e sócio-econômicos, outros comportamentos relacionados à saúde e à presença de morbidades. Trata-se de um estudo transversal, de base populacional, com amostragem em múltiplos estágios. A análise dos dados levou em conta o desenho amostral. A prevalência de sedentários foi 70,9%, sendo que as razões de prevalências foram significativamente maiores que um para os idosos de menor renda (1,31: 1,11-1,55, tabagistas (1,39: 1,23-1,57, com transtorno mental comum (1,20: 1,04-1,39 e do sexo feminino (1,16: 1,00-1,35. A prevalência de caminhada foi 23,5%, seguida por ginástica ou musculação (3,8% e por natação ou hidroginástica (3,6%. Os resultados apontam para a necessidade do desenvolvimento de ações globais com respeito aos comportamentos relacionados à saúde. Atenção especial deve ser dada aos idosos do sexo feminino, àqueles com transtorno mental comum e aos de menor nível sócio-econômico a fim de garantir eqüidade em relação às práticas de promoção da saúde.The objective of this study was to identify the prevalence of sedentary leisure time (no type of leisure-time exercise once a week or more among the elderly in the city of Campinas, São Paulo State, Brazil, according to demographic and socioeconomic factors, other health-related behaviors, and the presence of morbidity. This was a population-based cross-sectional study with multiple-stage sampling. Data analysis considered the sample design. Prevalence of sedentary leisure time was 70.9%, and the prevalence ratio was significantly higher than 1.0 for the elderly with lower socioeconomic status (1.31: 1.11-1.55, smokers (1.39: 1.23-1.57, those with common mental disorders (1.20: 1.04-1.39, and females (1.16: 1

  8. Prevalência de tabagismo e fatores associados em área metropolitana da região Sul do Brasil Prevalence of smoking and associated factors in a metropolitan area of southern Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Leila B. Moreira

    1995-02-01

    Full Text Available Com o objetivo de avaliar a prevalência de tabagismo em Porto Alegre, RS, Brasil, e os fatores associados, executou-se estudo observacional, de delineamento transversal e base populacional. Através de amostragem aleatória proporcional, por estágios múltiplos e conglomerados, selecionaram-se 1.091 indivíduos, a partir de 18 anos, que responderam a um questionário, em entrevista domiciliar. Aferiu-se o hábito de fumar através de perguntas dirigidas ao tipo de fumo, freqüência e tempo de exposição. A prevalência foi de 34,9% (IC 31,9 - 37,8, sendo de 41,5% (IC 38,5 - 44,4 entre os homens e 29,5% (IC 26,8 - 32,2 entre as mulheres. O início foi, em média, aos 16 (±5,6 e 17,8 (±6,7 anos, com moda de 15 e 14 anos, respectivamente. Os homens fumavam 19,0 ± 14,0 cigarros por dia e as mulheres 14,5 ± 10,3. Analisaram-se as associações através de regressão logística, incluindo-se no modelo sexo, idade, educação, renda, qualificação profissional e consumo de álcool. O hábito de fumar foi mais freqüente entre os homens, indivíduos de menor nível socioeconômico, dos 30 aos 39 anos, e entre os usuários de bebidas alcoólicas. Conclui-se que o tabagismo é freqüente em Porto Alegre, constituindo-se problema de saúde pública similar ao referido pela literatura. O consumo de álcool deve estar associado ao fumo por serem ambos comportamentos de risco, com determinantes comuns.A cross-sectional study was carried out for the purpose of evaluating, the prevalence of smoking and the factors associated with it in Porto Alegre, a city in southern Brazilian. Through proportional, multiple stage, random sampling, 1.091 individuals (92% of those eligible of 18 or more years of age, were interviewed at home. Exposure to smoking was measured by a questionnaire that inquired about the type, quantity and frequency of tobacco use. The prevalence of smoking was 34.9% (Cl 31.9 - 37.8. It was higher -among men - 41.5% (Cl 38.5 - 44.4 then

  9. Guia de identificação dos ninhos de vespas sociais (Hymenoptera, Vespidae, Polistinae na Reserva Ducke, Manaus, Amazonas, Brasil Identification guide for nests of social wasps (Hymenoptera: Vespidae: Polistinae in Reserva Ducke, Manaus, Amazonas, Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Alexandre Somavilla

    2012-12-01

    Full Text Available Vespidae sociais utilizam principalmente material vegetal para a elaboração de seus ninhos. Embora existam alguns estudos referentes à fauna de vespas na região Amazônica, nenhum trabalho trata exclusivamente dos ninhos. Além disso, nas coleções biológicas poucos são os ninhos tombados, devido principalmente à fragilidade e difícil conservação dos mesmos. O objetivo desse trabalho foi o conhecimento de alguns ninhos encontrados na Reserva Ducke, apresentando informações a respeito dos mesmos e uma chave de identificação dos gêneros. Os ninhos foram coletados através da busca direta, percorrendo os transectos da grade do Programa de Pesquisa em Biodiversidade; locais como margens de igarapés, bordas de acampamentos e construções na sede da reserva também foram explorados. Para todos os ninhos obteve-se o registro fotográfico e a localização exata por GPS. Foram registrados 39 ninhos de vespas sociais alocados em 17 espécies de Polistinae: Agelaia constructor, A. pallipes, Angiopolybia pallens, Apoica pallens, Metapolybia unilineata, Mischocyttarus lecointei, M. saturatus, Polybia bistriata, P. dimidiata, P. jurinei, P. liliacea, P. occidentalis, P. procellosa, P. rejecta, Protopolybia bituberculata, P. chartergoides e Synoeca virginea. Cinco ninhos desabitados de Mischocyttarus, Polybia e Polistes também foram coletados.Nests of social wasps are composed mainly out of plant material. Although there are some studies about the social wasp fauna in the Amazon region, there is no work exclusively about these wasps' nests. Also, there are few catalogued nests in biological collections, because of their fragility and difficult conservation. The purpose of this study was to evaluate the kinds of nests found at "Reserva Ducke", compiling information about them and developing a key to identify the nests of each genera. The nests were actively collected in tracks of the "Programa de Pesquisa em Biodiversidade" plot; areas such

  10. Suicide in young people: risk factors and quantitaive space-time analysis Suicídio em jovens: fatores de risco e analise quantitativa espaço-temporal (Brasil, 1991-2001

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Regina S Rodrigues

    2010-11-01

    cinco regiões do Brasil, comparativamente, no período de 1991 a 2001, revendo também os principais fatores de risco (FR descritos na literatura. Metodologia: trata-se de um estudo epidemiológico, com enfoque sobre a Saúde Mental Juvenil. Foram utilizados os dados do Sistema de Informação de Mortalidade do Ministério da Saúde. Realizou-se a revisão da literatura por meio dos Sistemas Lilacs e Medline, além de livros temáticos. A discussão, de forma contextualizada, teve por base o Pensamento da Complexidade proposto por Edgar Morin. Resultados: foram registrados 69.811 óbitos por suicídio no período estudado, sendo 6.985 casos no grupo dos adolescentes. Os maiores Coeficientes de Mortalidade/100 mil habitantes ocorreram preponderantemente na região sul (1992 a 1994; 1996 a 1998; 2001, seguida pela região centro-oeste. Os principais FR descritos foram história de tentativas anteriores, ideação suicida, maus tratos, condições socioeconômicas precárias, doenças crônicas severas, impulsividade, depressão e esquizofrenia. O suicídio reflete características e valores relevantes de uma sociedade. Representa um sistema complexo e deve ser sempre analisado no contexto individual, social e coletivo. A atuação do profissional de Atenção Primária à Saúde (APS é fundamental para a prevenção, por meio da identificação dos fatores e situações de risco, no contexto individual, familiar e comunitário.

  11. Desafios das políticas públicas no cenário de transição demográfica e mudanças sociais no Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Gabriella Morais Duarte Miranda

    Full Text Available Este trabalho teve como objetivo analisar as mudanças ocorridas nas características demográficas e sociais do país e discutir o desafio do desenvolvimento de políticas públicas, utilizando dados dos sistemas de informações e entrevistas com atores das políticas social e de saúde do país. Percebeu-se a redução da fecundidade, da natalidade e da mortalidade com aumento da esperança de vida ao nascer, caracterizando a terceira fase da transição demográfica. O investimento na saúde e na educação foi considerado essencial para que o país possa aproveitar esse momento. Houve significativa redução da pobreza, mas, em 2012, ainda representava 15,9% da população, o que exige manutenção, expansão e qualificação dos programas de transferência de renda. A transição demográfica proporciona oportunidades para o desenvolvimento de políticas que permitam o acesso universal à educação, à saúde e ao emprego e que superem os desafios do país.

  12. Fatores de risco associados à ocorrência de sarna sarcóptica e prevalência em suínos nas fases de crescimento e terminação, na região Sul do Brasil

    OpenAIRE

    Doralice Pedroso-de- Paiva; Nelson Morés; Waldomiro Barioni Júnior; Osmar Antônio Dalla Costa; Jurij Sobestianski; Armando Lopes do Amaral

    2003-01-01

    Foi realizada uma pesquisa epidemiológica observacional em 64 rebanhos da região Sul do Brasil, com o objetivo de determinar a prevalência e identificar o conjunto de fatores de risco que melhor explicam a ocorrência de sarna sarcóptica em suínos nas fase de crescimento e terminação. Foi aplicado um protocolo abrangendo variáveis do ecossistema de suínos em criação intensiva e os dados foram analisados por análise de correspondência múltipla identificando-se dez variáveis associadas à ocorrên...

  13. Factors associated with cesarean sections in a public hospital in Rio de Janeiro, Brazil Fatores associados à realização de cesáreas em uma maternidade pública do Município do Rio de Janeiro, Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Eleonora D'Orsi

    2006-10-01

    Full Text Available Brazil has one of the world's highest cesarean section rates. Contributing factors include the organization of obstetric practice, physicians' attitudes, and women's preferences and decisions. This study aimed to identify factors associated with cesarean sections in a public maternity hospital in Rio de Janeiro. A case-control study was conducted with 231 cesarean sections (cases and 230 vaginal deliveries (controls. Hierarchical logistic regression analysis was performed, based on a conceptual model. Factors associated with increased odds of cesarean section were: primiparity; mother's age 20-34; last birth by cesarean; cervical dilatation 41 weeks. Factors associated with lower odds of cesarean were: gestational age O Brasil apresenta uma das maiores proporções de cesáreas do mundo. Fatores contribuintes para este fenômeno incluem organização da prática obstétrica, atitudes dos obstetras, preferências e decisões das mulheres. Com o objetivo de identificar fatores associados à realização de cesáreas, foi realizado estudo de caso-controle em uma maternidade pública do Município do Rio de Janeiro. Incluíram-se 231 partos por cesárea (casos e 230 partos vaginais (controles. Utilizou-se análise multivariada com regressão logística, as variáveis foram incluídas no modelo obedecendo à ordem hierárquica definida em modelo conceitual. Fatores associados à maior chance de cesárea: primiparidade; idade 20-34 anos; último parto por cesárea; dilatação cervical 41 semanas. Fatores associados à menor chance de cesárea: prematuridade; sinais de trabalho de parto ao sair de casa; uso de ocitocina e amniotomia. Propostas de modificação nos fatores estudados podem contribuir para redução da proporção de cesáreas.

  14. Perfil sociodemográfico e profissional dos novos Analistas Técnicos de Políticas Sociais (ATPS, do Ministério da Saúde, Governo Federal do Brasil, 2013.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rackynelly SOARES

    2014-03-01

    Full Text Available O Projeto de Acolhimento dos novos Analistas Técnicos de Políticas Sociais (ATPS objetivou instrumentalizar, de forma qualificada, o Ministério da Saúde com conhecimento sobre os seus novos analistas. Por um lado possibilita ao Ministério ter uma visão mais sistêmica dos seus servidores e, por outro facilita a alocação conciliando suas opções com os requisitos técnicos e da demanda das respectivas secretarias de destino. Após a análise dos dados secundários gerados durante o preenchimento da ficha cadastral do Sistema Integrado de Administração de Recursos Humanos, versão web, o perfil encontrado apresentou prevalência de mulheres brancas solteiras, com média de idade de 31 anos e provenientes do Distrito Federal. As áreas das Ciências da Saúde e das Ciências Biológicas são as de origem de formação e também as de atuação desses ATPS. Eles possuem domínio em softwares de edição de textos e de planilhas eletrônicas e tem conhecimento da língua inglesa. Suas secretarias de maior interesse para serem alocados foram as Secretarias de Atenção à Saúde e a de Gestão Estratégica e Participativa.

  15. Saúde, nutrição e classes sociais: o nexo empírico evidenciado em um grande centro urbano, Brasil Health, nutrition and social class: the empirical link demonstrated

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Carlos Augusto Monteiro

    1989-10-01

    Full Text Available Embora freqüentemente assumida como verdadeira, a relação entre classe social e estado de saúde e nutrição raramente tem sido estudada no plano empírico. Adotando-se proposta classificatória que permite a identificação operacional do conceito de classe social em sociedades de organização complexa, procurou-se estabelecer e comparar o estado de saúde e nutrição de uma amostra das crianças da cidade de São Paulo pertencentes a distintas classes sociais. A partir da observação da distribuição do índice altura/idade, evidenciou-se crescimento normal - e portanto condições ótimas de saúde e nutrição - apenas entre as crianças pertencentes à burguesia e à pequena burguesia, as quais correspondem a cerca de 30% da população. Diferenças significantes (p The relationship between social class and nutritional status, although frequently presumed true, has scarcely ever been studied empirically. The health and nutritional status of a sample of children from different social classes in the city of S. Paulo (Brazil are studied by means of an on operational classification of social class. Through the analysis of the height for age distribution normal growth - and, therefore, favourable health status - eas found only among the burgeoisie and the small-burgeoisie, these two classes together constituting about 30% of the total population. Significant divergences from an expected anthropometric standard were found among all the segments of the working-class population. Differences in income and schooling among the classes corroborate the empirical link found between social class and health and nutritional status.

  16. Cárie precoce na infância: prevalência e fatores de risco em pré-escolares, aos 48 meses, na cidade de João Pessoa, Paraíba, Brasil Early childhood caries: prevalence and risk factors in 4-year-old preschoolers in João Pessoa, Paraíba, Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Andréa Gadelha Ribeiro

    2005-12-01

    Full Text Available O objetivo deste estudo foi verificar a prevalência de cárie precoce na infância em crianças de nível sócio-econômico baixo da grande João Pessoa, Paraíba, Brasil, aos 48 meses de idade, pertencentes a uma coorte. Foram analisados os hábitos alimentares, higiene, exposição ao flúor e presença de defeitos de esmalte. Examinaram-se 224 crianças em domicílio, sob luz natural, utilizando-se a técnica joelho-a-joelho. Cada dente foi limpo com gaze estéril, sendo registrados cárie (OMS e defeitos de esmalte (DDE Index. Durante o exame foi aplicado um questionário para obtenção de dados sobre dieta, higiene, uso de flúor e presença de amamentação natural e/ou artificial. Para análise estatística, utilizou-se o programa SAS com teste não paramétrico Mantel-Haenszel. Observou-se que 10,7% e 33,0% da amostra apresentaram cárie precoce e cárie severa, respectivamente. Dentre as crianças examinadas, 79,9% tinham ao menos um dente com defeito de esmalte, sendo este o único fator estatisticamente significante (p The purpose of the present study was to evaluate the prevalence of early childhood caries (ECC, in a cohort of children of low socioeconomic status at 48 months of age in João Pessoa, Paraíba, Brazil, in relation to feeding practices, oral health behaviors, fluoride exposure, and enamel defects. 224 children were clinically examined in the Knee-Knee position at the children's home under natural light. Teeth were dried and cleaned with gauze, and caries (WHO index and defect (DDE Index were determined. Questionnaires on children's oral hygiene and dietary history were completed by parents or guardians. The SAS statistical program was used with the Mantel-Haenszel tests. The results showed a prevalence of 10.7% and 33.0% for ECC and SECC, respectively. Of all the children examined, 79.9% had at least one tooth with enamel defects, which was the only statistically significant factor (p < 0.001 for ECC. The association

  17. Atividade física no deslocamento em adultos e idosos do Brasil: prevalências e fatores associados Actividad física en el desplazamiento de adultos y ancianos en Brasil: prevalencias y factores asociados Physical activity during commuting by adults and elderly in Brazil: prevalence and associated factors

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marina Cordeiro Madeira

    2013-01-01

    Full Text Available Evidências na literatura mostram que a atividade física no deslocamento pode contribuir positivamente à saúde. O presente trabalho descreve a atividade física no deslocamento e alguns fatores associados. Foi realizado um estudo transversal de base populacional com amostra de 12.402 adultos e 6.624 idosos em 100 municípios de 23 estados brasileiros. O desfecho foi operacionalizado pela seção de deslocamento da versão longa do Questionário Internacional de Atividade Física (IPAQ. A prevalência de atividade física insuficiente no deslocamento (Evidencias en la literatura muestran que la actividad física en el desplazamiento puede contribuir positivamente a la salud. El presente trabajo describe la actividad física en el desplazamiento y algunos factores asociados a ella. Se realizó un estudio transversal de base poblacional con una muestra de 12.402 adultos y 6.624 ancianos en 100 municipios de 23 estados brasileños. Las conclusiones se extrajeron mediante la operacionalización de la sección de desplazamiento de la versión larga del Cuestionario Internacional de Actividad Física (IPAQ. La prevalencia de actividad física insuficiente en el desplazamiento (Evidence in the literature shows that physical activity associated with commuting (routine coming and going can have a positive impact on health. The current study describes physical activity during commuting and some associated factors. A cross-sectional population-based study was conducted with 12,402 adults and 6,624 elderly in 100 municipalities (counties from 23 States of Brazil. The outcome was based on the commuting section from the long version of the International Physical Activity Questionnaire (IPAQ. Prevalence of insufficient physical activity during commuting (< 150 minutes per week was 66.6% in adults and 73.9% in the elderly. Among the elderly, the very old showed 25 times higher odds of being insufficiently active as compared to younger elders. Individuals with

  18. Deslocamento para o trabalho e fatores associados em industriários do sul do Brasil Desplazamiento para el trabajo y factores asociados en industriales del sur de Brasil Commuting to and from work and factors associated among industrial workers from Southern Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Shana Ginar da Silva

    2012-02-01

    Full Text Available Estudo transversal visando estimar a prevalência das formas de deslocamento para o trabalho e identificar fatores associados em trabalhadores do Estado do Rio Grande do Sul. Um total de 2.265 trabalhadores responderam questionário sobre a forma de deslocamento utilizado para ir ao trabalho: caminhada/bicicleta, ônibus ou de carro/moto. Para estimar a associação entre o desfecho e variáveis sociodemográficas, ocupacionais e comportamental foi utilizada a regressão logística multinomial. O principal meio de deslocamento para o trabalho foi o ônibus (45,7%. Trabalhadores com maior condição socioeconômica tiveram maior probabilidade de deslocamento passivo.Estudio transversal buscando estimar la prevalencia de las formas de desplazamiento para el trabajo e identificar factores asociados en trabajadores del Estado do Rio Grande do Sul (sur de Brasil. Un total de 2.265 trabajadores respondieron cuestionario sobre la forma de desplazamiento utilizado para ir al trabajo: caminata/bicicleta, autobús o en carro/moto. Para estimar la asociación entre el resultado y variables sociodemográficas, ocupacionales y conductual se utilizó la regresión logística multinomial. El principal medio de desplazamiento para el trabajo fue el autobús (45,7%. Trabajadores con mayor condición socioeconómica tuvieron mayor probabilidad de desplazarse de forma pasiva.Cross-sectional study that aimed to estimate the prevalence of forms of commuting to and from work and to identify factors associated among industrial workers in the State of Rio Grande do Sul, southern Brazil. A total of 2,265 workers completed a questionnaire on the forms of commuting to and from work (walking/biking, bus or car/motorcycle. Multinomial logistic regression was used to estimate the association between the outcome and sociodemographic, occupational and behavioral variables. The main form of commuting to and from work was by bus (45.7%. Workers with higher socioeconomic

  19. Prática de atividade física e fatores associados em adolescentes no Nordeste do Brasil Práctica de actividad física y factores asociados en adolescentes en el Noreste de Brasil Physical activity practice and associated factors in adolescents in Northeastern Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    José Cazuza de Farias Júnior

    2012-06-01

    Full Text Available OBJETIVO: Estimar a proporção de adolescentes fisicamente ativos e identificar fatores associados. MÉTODOS: A amostra foi composta por 2.874 estudantes de 14 a 19 anos de idade, do ensino médio (escolas públicas e privadas, em João Pessoa, PB, Brasil. O nível de atividade física foi mensurado por meio de questionário e considerado fisicamente ativo se > 300 minutos/semana. Foram analisadas variáveis sociodemográficas, estado nutricional, comportamento sedentário, autoavaliação do estado de saúde e participação nas aulas de educação física. A razão de prevalência foi utilizada como medida de associação, estimada por meio da regressão de Poisson. RESULTADOS: A prevalência de atividade física foi de 50,2% (IC95%: 47,3;53,1. Os jovens do sexo masculino foram fisicamente mais ativos do que as do feminino (66,3% vs. 38,5%; p OBJETIVO: Estimar la proporción de adolescentes físicamente activos e identificar factores asociados. MÉTODOS: La muestra estuvo compuesta por 2.874 estudiantes de 14 a 19 años de edad, de educación secundaria (escuelas públicas y privadas, en Joao Pessoa, Noreste de Brasil. El nivel de actividad física fue medido por medio de cuestionario y considerado físicamente activo si ? 300 min/semana. Se analizaron variables sociodemográficas, estado nutricional, comportamiento sedentario, auto-evaluación del estado de salud y participación en las clases de educación física. El cociente de prevalencia fue utilizado como medida de asociación, estimado por medio de la regresión de Poisson. RESULTADOS: La prevalencia de actividad física fue de 50,2% (IC95%: 47,3;53,1. Los jóvenes del sexo masculino fueron físicamente más activos que las del sexo femenino (66,3% vs. 38,5%; pOBJECTIVE: To estimate the proportion of physically active adolescents and identify associated factors. METHODS: The sample was composed of 2,874 high school students (public and private schools aged 14 to 19 years in the city

  20. Fatores associados ao atraso no desenvolvimento em crianças, Rio Grande, Rio Grande do Sul, Brasil Factores asociados con retraso en el desarrollo de los niños, Rio Grande, Rio Grande do Sul, Brasil Factors associated with delay in development in children, Rio Grande, Rio Grande do Sul, Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Aline Alves Veleda

    2011-03-01

    Full Text Available Estudo analítico com o objetivo de avaliar os fatores associados ao atraso no desenvolvimento em crianças entre 8 a 12 meses de idade indicadas como de risco ao nascer no município do Rio Grande, Rio Grande do Sul, Brasil. Foram utilizados como instrumentos o Teste de Triagem de Desenvolvimento de Denver II (TTDD II, a avaliação antropométrica e questionários estruturados. Participaram 220 crianças consideradas de risco ou não ao nascer. Foi encontrada uma prevalência de 20,5% de suspeita de atraso no desenvolvimento neuropsicomotor. As crianças que apresentaram risco de um TTDD II suspeito faziam parte de famílias de mais baixa renda; eram filhos de mães que haviam realizado menos de seis consultas de pré-natal e apresentavam índice peso-idade inadequado. Os dados sugerem a necessidade de um replanejamento das políticas de saúde infantil, visto que outros critérios poderiam ser incluídos nas condições de risco para a criança ao nascer.Estudio analítico con el objetivo de evaluar los factores asociados al atraso en el desarrollo en niños de 8 a 12 meses de edad indicados como riesgo al nacer en el municipio de Rio Grande, RS, Brasil. Fueron utilizadas como herramientas la Prueba de Tamizaje del Desarrollo de Denver II, la evaluación antropométrica y cuestionarios estructurados. Participaron 220 niños considerados de riesgo o no al nacer. Fue encontrada una prevalencia del 20,5% de sospecha de atraso en el desarrollo neuropsicomotor. Los niños que presentaron riesgo de un DDST II sospechoso formaban parte de familias de más baja renta; eran hijos de madres que habían realizado menos de seis consultas de prenatal y presentaban índice peso-edad inadecuado. Los datos sugieren la necesidad de un replanteamiento de las políticas de salud infantil, así como otros criterios podrían ser inclusos en las condiciones de riesgo para el niño al nacer.This analytical study aims to evaluate the factors associated to

  1. Infecções hospitalares no Brasil: Ações governamentais para o seu controle enquanto expressão de políticas sociais na área de saúde Hospital infections in Brazil: Governmental actions for its control while expression of social politics in health area

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rúbia Aparecida Lacerda

    1996-04-01

    Full Text Available As autoras estudam a evolução das infecções hospitalares no Brasil e as demandas para o seu controle até a sua institucionalização, por ações governamentais. Para a compreensão e análise do processo de disputa dos interesses e necessidades dos atores sociais e sua relação com o setor governamental para a institucionalização de uma dada política pública, buscou-se um referencial teórico que possibilitasse elaborar o conjunto dos elementos da estrutura social e que tomasse o campo da relação entre Sociedade, Estado e Políticas Sociais como sua questão central. Por referência à especificidade dessas ações e seu raio de intervenção, foi necessário buscar também a distinção de modalidades de políticas públicas e a responsabilidade de implementação. A partir do material empírico, foi possível delinear essas demandas, conformando-as em modelos tecno-assistenciais, através de indicadores do processo de trabalho. Sua aproximação com o referencial teórico exigiu outros níveis de categorias: conjunturas específicas, assistência médica previdenciária, modelo clínico de intervenção e o movimento de qualidade. A análise das demandas e do projeto institucionalizado buscou, o tempo todo, a relação dos seus instrumentos e finalidades com eles mesmos e com as políticas mais gerais do setor saúde, mostrando as suas implicações.The authors study the hospital infections evolution em Brasil and the demands for its control until its establishment by governmental actions. For a better understanding and analysis of the social actors dispute process, their needs and interests and the relation with the governmental sector to the establishment of a certain state politics, a theoretical reference that enabled to eleborate the whole of social structure elements was searched. This theoretical reference should also take the filled of the relation, between, Society, State, Actors and Social Politics as its main question

  2. Privatização da gestão do sistema municipal de saúde por meio de Organizações Sociais na cidade de São Paulo, Brasil: caracterização e análise da regulação

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Henrique Contreiras

    2015-02-01

    Full Text Available Este trabalho caracteriza e discute a privatização da gestão do sistema municipal de saúde na cidade de São Paulo, Brasil, com base em uma perspectiva administrativista e política. A metodologia consistiu em levantamento bibliográfico e análise de legislação e documentos públicos. A pesquisa demonstrou que embora a lei de Organizações Sociais (OS seja de 2006, metade da privatização da gestão ainda é regulada por um ajuste provisório anterior, o convênio. Em 2011, 61% dos serviços eram geridos por entidades privadas que, em 2012, receberam 44% do orçamento da saúde. As vinte entidades envolvidas incluem cinco dos dez maiores grupos privados de serviços médicos do país. Órgãos fiscalizadores evidenciam falhas de controle nos contratos de gestão, mas os convênios, que apresentam controle mais frágil, têm sido invisíveis à fiscalização. Por fim, o marco legal é instável. Valendo-se da experiência paulistana, discute-se o caráter político vs. técnico da regulação da gestão privada no Sistema Único de Saúde (SUS.

  3. Fatores de risco cardiovascular em crianças de 7 a 10 anos de área urbana, Vitória, Espírito Santo, Brasil Cardiovascular risk factors in 7-to-10-year-old children in Vitória, Espírito Santo State, Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria del Carmen Bisi Molina

    2010-05-01

    Full Text Available O objetivo do estudo foi identificar a ocorrência simultânea de fatores de risco cardiovascular em crianças de 7 a 10 anos de Vitória, Espírito Santo, Brasil, e investigar variáveis socioeconômicas associadas. Foram pesquisadas 1.282 crianças e obtidos dados antropométricos e medidas da pressão arterial com aparelho automático. Dados socioeconômicos, de alimentação e de atividade física foram obtidos com base em questionário. Para avaliação da ocorrência simultânea de fatores de risco cardiovascular foi desenvolvido um índice a partir da presença de excesso de peso, pressão arterial elevada, alimentação de baixa qualidade e lazer sedentário > 4h/dia. Presença simultânea de quatro fatores de risco cardiovascular foi identificada como risco alto. Classe socioeconômica e escolaridade materna foram incluídas no modelo de regressão logística. Cerca de 34% das crianças apresentaram dois fatores de risco cardiovascular, 20% três fatores e 6,4 quatro fatores de risco cardiovascular. A escolaridade materna se manteve associada ao risco cardiovascular alto (OR: 7,36, IC95%: 2,09-25,97 e médio (OR: 2,57, IC95%: 1,58-4,20. Baixa escolaridade materna foi o fator mais importante associado ao risco cardiovascular.The study aimed to identify the simultaneous occurrence of cardiovascular risk factors in children 7 to 10 years of age in Vitória, Espírito Santo State, Brazil, and investigate associated socioeconomic variables. In a sample of 1,282 children, anthropometric data were obtained and blood pressure was measured with an automatic device. Socioeconomic, nutritional, and physical activity data were obtained with a questionnaire. To evaluate the simultaneous occurrence of cardiovascular risk factors, an index was developed including overweight, high blood pressure, poor eating, and sedentary leisure > 4hours/day. The simultaneous presence of four cardiovascular risk factors was defined as high risk. Socioeconomic status

  4. A desigualdade espacial do Baixo Peso ao Nascer no Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marina Clarissa Barros de Melo Lima

    2013-08-01

    Full Text Available O baixo peso ao nascer (BPN é fator de risco para a morbidade, mortalidade neonatal e infantil. No Brasil os maiores percentuais de baixo peso ao nascer ocorrem em regiões de melhor situação socioeconômica. O objetivo deste artigo é conhecer a distribuição espacial de taxas de baixo peso ao nascer e a correlação com indicadores sociais e de serviço. Desenho: ecológico, tendo os estados brasileiros como unidades de análise. Utilizou-se técnica de análise espacial, dados de 2009 do SINASC, IPEA e IBGE. Taxas maiores de baixo peso ao nascer estão nos estados da região sul/sudeste, Moran Global: 0,267, p = 0,02. Aglomerados do tipo alto-alto na região Sudeste e baixo-baixo em estados da região da Amazônia Legal. A desigualdade espacial do baixo peso ao nascer reflete as condições socioeconômicas dos estados. Regiões mais desenvolvidas detêm maiores taxas de baixo peso ao nascer, portanto, a presença do serviço e sua utilização fazem diminuir a mortalidade infantil e aumentar o BPN.

  5. Aspectos clínicos, sociais e trabalhistas da doença de Chagas em área endêmica sob controle do Estado de Minas Gerais, Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    João Carlos Pinto Dias

    1993-06-01

    Full Text Available Candidatos a emprego em construção civil na região de Bambuí, MG, submeteram-se a sorologia para doença de Chagas, eletrocardiograma e Rx de tórax e esôfago. De 301 candidatos recentes uma prevalência de 11,6% de infecção chagásica foi detectada, sendo 5,0% no grupo etário de 18-29 anos, 13,8% no de 30-39 e 39,4% no de 40 anos e acima. A ocorrência de ECGs alterados foi de 31,3% no grupo soropositivo contra 7,1% nos soronegativos (p Among 301 construction workers examined in Bambuí, Brasil, 11.6% presented positive serology for American trypanosomiasis, with aprevalence of 5.0% in the age group 17-29 years, 13.8% in the 30-39 and 39.4% in the 40-57. Electrocardiographic disturbances were detected in 31.3% of the seropositive and in 7.1% of the seronegative individuals, with a significant difference in the age group 40-57 years. Cardiac enlargement and oesophagopathy were detected respectivety in 8.6% and 8.6% of the positive and 1.5% and 0.8% of the negative group. Chagasic and non-chagasic individuals came from the same region and social status, but the seropositive group was more associated with low scholar ship and immediate antecedent of rural activities. The effectiveness of the programme of vector control installed in the Region in the years 1970 is once more confirmed by its positive impact on the prevalence and morbidity of human Chagas disease. Congenital and transfusional Chagas disease seem to play a very small epidemiologic role in the Region at the present time.

  6. Incidência de sífilis congênita e fatores associados à transmissão vertical da sífilis: dados do estudo Nascer no Brasil

    OpenAIRE

    Rosa Maria Soares Madeira Domingues; Maria do Carmo Leal

    2016-01-01

    Resumo: O objetivo foi estimar a incidência de sífilis congênita ao nascimento e verificar os fatores associados à transmissão vertical da sífilis. Estudo nacional, de base hospitalar, realizado em 2011-2012 com 23.894 puérperas, por meio de entrevista hospitalar, dados de prontuário e cartão de pré-natal. Realizada regressão logística univariada para verificar os fatores associados à sífilis congênita. Estimada incidência de sífilis congênita de 3,51 por mil nascidos vivos (IC95% 2,29-5,37) ...

  7. Movimentos sociais na contemporaneidade

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria da Glória Gohn

    2011-01-01

    Full Text Available El trabajo tiene como objetivo presentar una visión general de los movimientos sociales en la actualidad en la América Latina y presenta una asignación de sus principales formas en Brasil. Busca reflexionar sobre el carácter educativo de sus acciones, tanto para sus participantes, como para la sociedad en general y para los organismos públicos gubernamentales. La premisa básica es la afirmación de que los movimientos sociales son fuentes de innovación y arreglos de discos de generación de conocimiento. Sin embargo, porque no es un proceso aislado sino de carácter social y política, el trabajo de buscar las articulaciones en la red de relaciones que establece los movimientos en la cena política, económica y socio-culturales del país, para comprender los factores que generan el aprendizaje y valores de la cultura política que se están construyendo. El texto pone de relieve los movimientos que se producen en las áreas de educación, educación formal y no formal.

  8. Determinantes sociais e biológicos da cárie dentária em crianças de 6 anos de idade: um estudo transversal aninhado numa coorte de nascidos vivos no Sul do Brasil Effects of Social and biological factors on dental caries in 6-year-old children: a cross sectional study nested in a birth cohort in Southern Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marco Aurélio Peres

    2003-12-01

    Full Text Available OBJETIVO: O objetivo deste estudo foi investigar os determinantes sociais e biológicos, medidos no período perinatal e na infância, sobre a ocorrência de cárie dentária em crianças de 6 anos de idade. MÉTODOS: Foi realizado um estudo transversal de cárie dentária em 1999, em uma subamostra de 400 crianças pertencentes a uma coorte de nascidos vivos iniciada em 1993, em Pelotas, RS. Os índices e critérios de diagnóstico adotados foram os preconizados pela Organização Mundial da Saúde (1997. Os resultados do estudo de cárie foram inseridos no banco de dados da coorte, que continha informações sobre as condições sociais e de saúde coletadas ao nascimento, no primeiro, terceiro, sexto e décimo segundo meses e no sexto ano de vida da criança. O índice de cárie (ceo-d = 0 ou > 1 foi a variável dependente. Foram realizadas análises univariada e de regressão logística múltipla não condicional, tendo como base um modelo teórico hierárquico de determinação. RESULTADOS: Escolaridade materna abaixo ou igual a 8 anos, renda familiar menor que 6 salários mínimos, não freqüentar pré-escola e consumo de doces pelo menos uma vez ao dia aos 6 anos de idade foram fatores de risco à cárie. CONCLUSÕES: Os fatores de risco sociais, como baixa escolaridade materna e baixa renda familiar, não freqüentar a pré-escola e dieta inadequada são comuns à cárie dentária e outras doenças e agravos infantis, sugerindo que medidas de intervenção dirigidas a estes fatores seriam mais adequadas à prevenção da cárie do que medidas específicas.OBJECTIVE: The aim of this study was to investigate the relationship between the social and biological conditions experienced in early life and dental caries in 6-year-old children, using a life course approach. METHODS: An oral health cross-sectional study was nested in a birth cohort study initiated in Pelotas, Brazil in 1993. In 1999, a sample of 400 6-year-old children was selected

  9. Desigualdades sociais na mortalidade cardiovascular precoce em um município de médio porte no Brasil Social inequalities in premature cardiovascular mortality in a medium-size Brazilian city

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Mário Círio Nogueira

    2009-11-01

    Full Text Available As doenças cardiovasculares são a principal causa de morte em muitos países. No Brasil, a mortalidade por doenças cardiovasculares ocorre prematuramente em maior proporção do que em países ricos. Este estudo objetivou analisar a relação entre a mortalidade cardiovascular precoce e as condições sócio-econômicas no espaço urbano. Realizou-se um estudo ecológico, e as unidades de análise foram as regiões urbanas de um município da região sudeste de Minas Gerais. A relação entre a razão de mortalidade padronizada por doenças cardiovasculares e o Índice de Desenvolvimento Social (IDS foi estudada por modelo linear generalizado com distribuição binomial negativa. Os bairros com melhores condições sócio-econômicas tiveram mortalidade por doenças cardiovasculares significantemente menor. A redução das desigualdades sócio-econômicas em cidades de médio porte pode contribuir para a redução das iniqüidades em saúde.Cardiovascular diseases are the main cause of death in many countries. In Brazil, premature cardiovascular death is more frequent than in wealthy countries. The aim of this study was to analyze the relationship between premature cardiovascular death and socioeconomic conditions in urban areas. The study design was ecological, with the urban areas of a medium-size municipality in Minas Gerais State, Brazil, as the units of analysis. The relationship between standardized mortality ratio and social development index (SDI was studied with a binomial negative generalized linear model. The urban regions with the best socioeconomic conditions had significantly lower cardiovascular mortality. The reduction of socioeconomic inequalities in medium-size cities could help decrease health inequities.

  10. Fatores de competitividade organizacional

    National Research Council Canada - National Science Library

    Roman, Darlan Jose; Piana, Janaina; Pereira, Marie Anne Stival Leal Lozano; de Mello, Nelson Ruben; Erdmann, Rolf Hermann

    2012-01-01

    ... e a performance organizacional, no Portal de Periodicos da CAPES, no periodo de 2000 a 2009. A partir da analise de 486 artigos cientificos, identificaram-se 15 fatores de competitividade organizacional...

  11. Impactos ambientais e sociais da Copa do Mundo de 2014

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marilia Carla de Mello Gaia

    2014-05-01

    Full Text Available Desde a escolha do Brasil, em 2007, para sediar a Copa do Mundo de Futebol de 2014 e as Olimpíadas de 2016, este é um tema recorrente na mídia e em demais espaços de socialização dos brasileiros. Muitas discussões a cerca destes megaeventos esportivos envolvem os benefícios relacionados ao incentivo ao esporte nacional, ao incremento no turismo e na economia e às obras de infraestrutura (sistema de transporte urbano, aeroportos, arenas esportivas, comércio, etc.. A partir das manifestações populares em junho de 2013, principalmente, amplia-se em uma parcela da população brasileira um outro olhar sobre estes eventos esportivos, sobretudo os questionamentos relacionados às necessidades sociais da população em detrimento dos astronômicos investimentos financeiros e políticos para a Copa. Neste contexto, este artigo se destina a discutir alguns elementos envolvidos nos impactos sociais e ambientais da realização da Copa do Mundo de Futebol e das Olimpíadas no Brasil.

  12. Predictors of favorable results in pulmonary tuberculosis treatment (Recife, Pernambuco, Brazil, 2001-2004 Factores predictivos al resultado favorable del tratamiento de la tuberculosis pulmonar (Recife-Pernambuco, Brasil, 2001-2004 Fatores preditivos ao resultado favorável de tratamento da tuberculose pulmonar (Recife-Pernambuco, Brasil, 2001-2004

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cinthia Midori Sassaki

    2010-06-01

    Full Text Available Based on data available in the Information System for Notifiable Diseases, predictive factors of favorable results were identified in the treatment of pulmonary tuberculosis, diagnosed between 2001 and 2004 and living in Recife-PE, Brazil. Uni- and multivariate logistic regression methods were used. In multivariate analysis, the following factors remained: Age (years, 0 to 9 (OR=4.27; p=0.001 and 10 to 19 (OR=1.78; p=0.011, greater chance of cure than over 60; Education (years, 8 to 11 (OR=1.52; p=0.049, greater chance of cure than no education; Type of entry, new cases (OR=3.31; pConsiderando datos disponibles en el Sistema de Información de Enfermedades de Notificación, fueron identificados y analizados factores predictivos al resultado favorable del tratamiento de los casos de tuberculosis pulmonar, diagnosticados entre 2001-2004, correspondientes a residentes en Recife-PE (Brasil. Fueron utilizados métodos estadísticos univariado y multivariado de regresión logística. En el multivariado se consideraron: edad (años, 0 a 9 (OR= 4,27; p=0,001 y 10 a 19 (OR=1,78; p=0,011, mayor chance de cura que más de 60; escolaridad (años, 8 a 11 (OR=1,52; p=0,049, mayor chance de cura que ninguna escolaridad; tipo de entrada, casos nuevos (OR=3,31; pPartindo de dados disponíveis no Sistema de Informação de Agravos de Notificação, identificaram-se e analisaram-se fatores preditivos ao resultado favorável de tratamento dos casos de tuberculose pulmonar, diagnosticados no período de 2001-2004, residentes em Recife-PE. Utilizaram-se métodos estatísticos uni e multivariado de regressão logística. No multivariado permaneceram: Idade (anos, 0 a 9 (OR=4,27; p=0,001 e 10 a 19 (OR=1,78; p=0,011, maior chance de cura que mais de 60; Escolaridade (anos, 8 a 11 (OR=1,52; p=0,049, maior chance de cura que nenhuma escolaridade; Tipo de entrada, casos novos (OR=3,31; p<0,001 e recidiva (OR=3,32; p<0,001, maiores chances de cura que reingresso p

  13. Consumo de substâncias psicoativas por adolescentes escolares de Ribeirão Preto, SP (Brasil: II - Distribuição do consumo por classes sociais The intake of psychoactive substances by school-age adolescents in an urban area of Southeastern region of Brazil: II - Distribution of consumption by social levels

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Gilson M. Muza

    1997-04-01

    Full Text Available INTRODUÇÃO: Vários estudos epidemiológicos sobre o consumo de substâncias psicoativas têm incluído em suas análises a avaliação da influência do contexto social nos níveis de prevalência desse consumo. Analisa-se a distribuição do consumo dessas substâncias segundo as classes sociais, numa amostra de adolescentes escolares de Ribeirão Preto, SP, Brasil. MATERIAL E MÉTODO: Um questionário auto-aplicável, adaptado e submetido a um teste de confiabilidade, foi aplicado a uma amostra proporcional de 1.025 adolescentes matriculados na oitava série do primeiro grau e primeiro, segundo e terceiro anos do segundo grau, das escolas públicas e privadas da cidade. O questionário continha questões sobre o uso de dez classes de drogas. Utilizou-se a adaptação de um modelo que identifica 5 frações de classe social (burguesias empresarial, gerencial e pequena burguesia, proletariado e subproletariado, a partir de indicadores que situam os indivíduos dentro das relações sociais de produção. RESULTADOS: As três frações da burguesia foram mais representadas que as outras na população de adolescentes escolares do que na população geral. Não houve diferenças na distribuição do consumo de álcool e tabaco pelas classes sociais, embora se observe uma tendência de maior prevalência nos extremos da escala social. Já o consumo de substâncias ilícitas foi maior nas burguesias e menor no proletariado. CONCLUSÕES: Embora o consumo de substâncias lícitas não tenha diferido entre as classes sociais, o maior consumo de substâncias ilícitas pelos mais ricos provavelmente se deveu ao maior custo desses produtos do que o álcool e o tabaco.INTRODUCTION: Many of the epidemiological studies on the consumption of legal and illegal psychoactive substances have included the evaluation of the influence of social context on the levels of prevalence of this consumption using indirect social indicators such as family income, and

  14. A sustentabilidade da vida cotidiana: um estudo das redes sociais de usuários de serviço de saúde mental no município de Santo André (SP, Brasil The sustainability of day-to-day life: a study of the social networks of users of mental healthcare service in the municipality of Santo André (SP, Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Melissa Tieko Muramoto

    2011-04-01

    Full Text Available Estudos sobre redes sociais demonstram que as relações têm impacto significativo na vida das pessoas. Quando associadas à população com transtorno mental, atuam como fator de proteção importante e gerenciador de recursos e suporte social. Entretanto, estudos apontam que pessoas com transtorno mental apresentam redes sociais empobrecidas e poucas relações significativas. Nesta perspectiva, esta pesquisa teve como objetivo caracterizar as redes sociais de usuários do NAPS II, em Santo André (SP. Realizada em 2006, a pesquisa qualitativa, orientada pela postura etnográfica, utilizou entrevistas por pautas, observação participante e caderno de campo. Os resultados apontaram que o grupo estudado possui rede social empobrecida; a trajetória de vida dos sujeitos está relacionada a esse empobrecimento, uma vez que as rupturas provocadas pelas situações de crise ou de institucionalização os retiram da rede de relações, colocando-os em situação de vulnerabilidade social. Buscou-se discutir a importância da intervenção nas relações e o papel dos serviços nesse processo.Studies into social networks show that relationships have a significant impact on people's lives. When associated with the population suffering from mental disorders, they serve as an important protection factor and a manager of resources and social support. However, studies show that people with mental disorders have impoverished social networks and few significant relationships. In this perspective, this research sought to characterize the social networks of users of NAPS II in Santo André (SP, Brazil. Conducted in 2006, the qualitative research adopted an ethnographic approach and used interviews by topics, participant observation and field notes. The results revealed that the group studied had an impoverished social network; the life histories of the subjects is related to this impoverishment, since the disruptions caused by situations of crisis or

  15. Prevalência e fatores de risco para asma em adolescentes de 13 a 14 anos do Município de Cuiabá, Mato Grosso, Brasil Asthma prevalence and risk factors in adolescents 13 to 14 years of age in Cuiabá, Mato Grosso State, Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Sileyde Cristiane B. Matos Póvoas Jucá

    2012-04-01

    Full Text Available Estimar a prevalência de asma ativa e identificar possíveis fatores de risco associados em adolescentes de 13 a 14 anos, residentes na cidade de Cuiabá, Mato Grosso, Brasil. Estudo transversal de base populacional sendo posteriormente aninhado a estudo caso-controle, realizado em 2008, utilizando o protocolo do International Study of Asthma and Allergies in Childhood (ISAAC. A análise dos possíveis fatores de risco foi realizada pelo teste do qui-quadrado, teste exato de Fisher e por regressão binária logística. As variáveis com p The objective of this study was to estimate the prevalence of active asthma and identify associated risk factors in adolescents 13 to 14 years of age in Cuiabá, Mato Grosso State, Brazil. A cross-sectional population-based and a subsequently a nested case-control study was conducted in 2008 using the protocol of the International Study of Asthma and Allergies in Childhood (ISAAC. Risk factor analysis used the chi-square test, Fisher's exact test, and binary logistic regression. Variables with p < 0.20 in the bivariate analysis entered the logistic regression model, with six variables remaining in the final model (p < 0.05. Prevalence of active asthma was 19.1%. Risk factors for active asthma (p = 0.01 were: smoking during pregnancy, exclusive breastfeeding < 6 months, family income < 3 minimum wages, female gender, pets currently in the home, and absence of fish in the diet. Prevalence of active asthma was high, but with a significant reduction compared to 1998.

  16. Atividade física e fatores associados em adultos de área rural em Minas Gerais, Brasil Actividad física y factores asociados en adultos de área rural en Minas Gerais, Sureste de Brasil Adult physical activity levels and associated factors in rural communities of Minas Gerais State, Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Paula Gonçalves Bicalho

    2010-10-01

    Full Text Available OBJETIVO: Estimar os níveis de atividade física e sua associação com fatores sociodemográficos em moradores de áreas rurais. MÉTODOS: Estudo transversal, de base populacional, incluindo 567 adultos de duas comunidades rurais do Vale do Jequitinhonha, MG, entre os anos de 2008 e 2009. Os níveis de atividade física foram coletados por meio do Questionário Internacional de Atividade Física, versão longa adaptada. Utilizou-se o ponto de corte de 150 minutos de atividade física semanal entre os domínios: trabalho, domicílio, lazer e deslocamento. Os fatores sociodemográficos pesquisados foram sexo, cor da pele, idade, estado marital, escolaridade e autopercepção de saúde. Foram realizadas análise bivariada (qui-quadrado, pOBJETIVO: Estimar los niveles de actividad física y su asociación con factores sociodemográficos en moradores de áreas rurales. MÉTODOS: Estudio transversal, de base poblacional, incluyendo 567 adultos de dos comunidades rurales del Vale do Jequitinhonha, Sureste de Brasil, entre los años de 2008 y 2009. Los niveles de actividad física fueron colectados por medio de Cuestionario Internacional de Actividad Física, versión larga adaptada. Se utilizó el punto de corte de 150 minutos de actividad física semanal entre los dominios: trabajo, domicilio, ocio y traslados. Los factores sociodemográficos investigados fueron sexo, color de la piel, edad, estado marital, escolaridad y autopercepción de salud. Se realizaron análisis bivariado (Chi-cuadrado, p£0,05 y análisis múltiple de regresión logística. RESULTADOS: La prevalencia de individuos que practicaron 150 minutos o más de actividad física en el trabajo fue de 82,9% (IC 95%: 77,8;88,0 entre los que trabajan actualmente. Esa proporción para los otros dominios fueron: 63,5% (IC 95%: 59,6;6;67,4 en el domicilio. 10,1% (IC 95%: 7,6;12,6 en el ocio y 32,0% (IC 95%: 28,2;35,8 en traslados. Los hombres fueron más activos que las mujeres en el ocio

  17. Mortalidade infantil por doenças infecciosas e parasitárias: reflexo das desigualdades sociais em um município do Nordeste do Brasil Infant mortality due to infectious and parasitic diseases: a reflection of the social inequalities in a municipality in the Northeast Region of Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Mirella Bezerra Rodrigues Vilela

    2008-12-01

    Full Text Available OBJETIVOS: estudar a relação entre o coeficiente de mortalidade infantil (CMI por doenças infecciosas e parasitarias (DIP e o indicador de carência social (ICS, identificando áreas geográficas de maior risco no município de Jaboatão dos Guararapes, Pernambuco, Brasil. MÉTODOS: trata-se de um estudo ecológico cujas unidades de análise foram os bairros do município. Os sistemas de informações de mortalidade e de nascidos vivos do Ministério da Saúde foram utilizados para o cálculo do CMI por DIP e o ICS foi construído utilizando dados socioeconômicos do Censo 2000. RESULTADOS: o CMI por DIP foi de 3,56 por 103 nascidos vivos (NV e o coeficiente de mortalidade pós-neonatal foi de 3,39 por 10³ NV. Houve correlação entre ICS e o CMI por DIP (r=0,87; p=0,008; F=12,88. Encontrou-se um risco 48% (RR=1,479 maior das crianças irem a óbito por DIP antes de completarem um ano no estrato de maior carência social. CONCLUSÕES: o ICS é um útil instrumento para o planejamento de ações locais de saúde, contribuindo para a adoção de medidas que promovam a redução da mortalidade infantil, não descartando a necessidade de demandar atenção para o desenvolvimento de políticas sociais e econômicas nas áreas com maiores carências sociais.OBJECTIVES: to study the relationship between the coefficient of infant mortality (CIM due to infectious and parasitic diseases (IPD and the social need indicator, thereby identifying geographical areas at greater risk in the municipality of Jaboatão dos Guararapes, in the State of Pernambuco, Brazil. METHODS: an ecological study was carried out, in which the units of analysis were the districts of the municipality. The mortality and live birth information systems of the Ministry of Health were used to calculate the CIM/IPD, and the social need indicator was established using socioeconomic data from the 2000 census. RESULTS: the CIM/IPD was 3.56 per 1000 live births and the postnatal mortality

  18. Prevalência e fatores associados ao tabagismo em escolares da Região Sul do Brasil Prevalencia y factores asociados al tabaquismo en escolares, Sur de Brasil Prevalence and risk factors associated with smoking among school children, Southern Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ana Luiza Curi Hallal

    2009-10-01

    Full Text Available OBJETIVO: Estimar a prevalência do tabagismo em estudantes e os fatores associados. MÉTODOS: Foram utilizados dados secundários, provenientes do inquérito Vigescola realizado em Curitiba (PR, Florianópolis (SC e Porto Alegre (RS em 2002 e 2004. A amostra compreendeu 3.690 escolares de 13 a 15 anos, cursando as sétima e oitava séries do ensino fundamental e primeira do ensino médio, em escolas públicas e privadas. Para a análise dos resultados foram estimadas proporções ponderadas, odds ratio (OR, e utilizada a técnica de regressão logística múltipla. RESULTADOS: As taxas de prevalência de tabagismo corresponderam a 10,7% (IC 95%: 10,2;11,3 em Florianópolis, 12,6% (IC 95%: 12,4;12,9 em Curitiba e 17,7% (IC 95%: 17,4;18,0 em Porto Alegre. Os fatores associados ao tabagismo em escolares em Curitiba foram: sexo feminino (OR=1,49, pai fumante (OR=1,59, amigos fumantes (OR=3,46, exposição à fumaça do tabaco fora de casa (OR=3,26 e possuir algum objeto com logotipo de marca de cigarro (OR=3,29. Em Florianópolis, as variáveis associadas ao tabagismo foram escolares do sexo feminino (OR=1,26, ter amigos fumantes (OR=9,31, exposição à fumaça do tabaco em casa (OR=2,03 e fora de casa (OR=1,45 e ter visto propaganda em cartazes (OR=1,82. Em Porto Alegre, as variáveis que estiveram associadas com o uso de tabaco pelos escolares foram sexo feminino (OR=1,57, idade entre 14 anos (OR=1,77 e 15 anos (OR=2,89, amigos fumantes (OR=9,12, exposição à fumaça do tabaco em casa (OR=1,87 e fora de casa (OR=1,77 e possuir algo com logotipo de marca de cigarro (OR=2,83. CONCLUSÕES: Há elevada prevalência de tabagismo entre escolares de 13 a 15 anos, cujos fatores significativamente associados comuns às três capitais são: ter amigos fumantes e estar exposto à fumaça ambiental fora de casa.OBJETIVO: Estimar la prevalencia del tabaquismo en estudiantes y los factores asociados. MÉTODOS: Fueron utilizados datos secundarios

  19. A gastronomia como fator de influência na escolha de destinações turísticas – base de estudo balneário Camboriú (SC-Brasil)

    OpenAIRE

    Rodolfo Wendhausen Krause; Álvaro Augusto Bahls

    2016-01-01

    Este estudo busca avaliar quais os fatores relacionados à gastronomia que influenciam o turista a escolher um determinado destino turístico. Busca-se, também, identificar como a gastronomia é vista em relação à cultura da localidade: o turista vê na gastronomia uma forma de conhecer a cultura local? Esse fato é significativo na escolha de uma destinação? As respostas foram obtidas através de uma metodologia hipotético-dedutiva aliada à estatística descritiva, com a aplicação de um instrum...

  20. Biological and environmental factors associated with risk of schistosomiasis mansoni transmission in Porto de Galinhas, Pernambuco State, Brazil Factores biológicos y ambientales asociados al riesgo de transmisión de la esquistosomiasis mansoni en la localidad de Porto de Galinhas, Pernambuco, Brasil Fatores biológicos e ambientais associados ao risco de transmissão da esquistossomose mansoni na localidade de Porto de Galinhas, Pernambuco, Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Onicio Batista Leal Neto

    2013-02-01

    correlación positiva con la densidad y tasa de infección de los moluscos. El estudio enfatiza los factores involucrados en el mantenimiento de los criaderos de la esquistosomiasis, vista la persistencia de esta enfermedad en la localidad de Porto de Galinhas hace más de 10 años.A esquistossomose se expande para o litoral de Pernambuco, Brasil, onde têm sido frequente os registros de caramujos Biomphalaria glabrata e de casos humanos da doença. Este estudo apresenta fatores relacionados ao risco de transmissão da esquistossomose na localidade de Porto de Galinhas. Durante um ano, foi conduzido um inquérito malacológico para identificar fatores biológicos, abióticos e ambientais relacionados aos criadouros dos moluscos hospedeiros. Para análise dos dados, foram utilizados os softwares Excel 2010, GTM Pro e ArcGis 10. Foram coletados 11.012 caramujos B. glabrata nos 36 criadouros identificados, sendo diagnosticados 11 focos de transmissão da esquistossomose. Foi verificada correlação negativa entre a temperatura dos criadouros, densidade e taxa de infecção dos caramujos e correlação positiva para pH e salinidade. O período de chuva apresentou correlação positiva com a densidade e taxa de infecção dos moluscos. O estudo enfatiza os fatores envolvidos na manutenção dos criadouros da esquistossomose visto à persistência dessa doença na localidade de Porto de Galinhas há mais de 10 anos.

  1. Análise do Tratamento Legal conferido aos Casos de Acidentes e Enfermidades Laborais no Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Jacyara Farias Sousa

    2015-04-01

    Full Text Available O artigo analisa o tratamento legal conferido aos casos de acidentes e enfermidades laborais no Brasil, quanto às medidas profiláticas, punitivas e reparatórias na ocorrência de dano. As medidas de medicina e segurança do trabalho foram durante muito tempo relegadas a um segundo plano nos ordenamentos jurídicos mundiais e somente com a modificação das políticas econômicas dos Estados e adoção de vertentes intervencionistas garantidoras dos direitos sociais, os países passaram a adotá- las. Para tanto, o objetivo é analisar os fatores que levam a baixa efetividade das normas preventivas e punitivas quanto aos acidentes e enfermidades laborais no Brasil. Realiza-se mediante o emprego do método de abordagem hipotético-dedutivo, utilizando as técnicas de pesquisa bibliográfica e documental. Verificou-se com a realização da pesquisa a ocorrência de uma evolução marcante dos mecanismos legais preventivos, punitivos e reparatórios aos infortúnios laborais, embasada tanto pela legislação pátria, quanto pela adoção de Tratados e Convenções Internacionais pelo Brasil, além das medidas propostas pela OIT e a OMS. Mesmo com esse quadro de significativo avanço relacionado ao tratamento jurídico conferido aos infortúnios do trabalho no Brasil, verifica-se ainda uma legislação difusa e esparsa nessa área, fato que, muitas vezes dificulta a sua aplicabilidade.

  2. Medo de queda recorrente e fatores associados em idosos de Florianópolis, Santa Catarina, Brasil Miedo a caída recurrente y factores asociados en ancianos de Florianópolis, Santa Catarina, Brasil Fear of recurrent falls and associated factors among older adults from Florianópolis, Santa Catarina State, Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Tânia Rosane Bertoldo Benedetti

    2013-04-01

    Full Text Available O medo de cair caracteriza-se pela ansiedade ao caminhar ou preocupação excessiva em cair. Objetivou-se investigar os fatores associados ao medo de queda recorrente entre os idosos de Florianópolis, Santa Catarina, Brasil. Foram investigados 266 idosos de um estudo de base populacional que sofreram quedas no ano anterior. Para análise estatística utilizou-se a regressão de Poisson a fim de verificar a associação entre o desfecho "medo de queda recorrente" e as covariáveis (socioeconômicas, atividade física, doenças, déficit cognitivo, convívio com amigos, características da queda e percepção de saúde, respeitando-se a hierarquia entre as variáveis. Dentre os idosos indagados, 57,1% apresentaram medo de queda recorrente. Na análise ajustada obteve-se associação significante entre o desfecho e ser do sexo feminino (p = 0,013, ter menor convívio com os amigos (p = 0,015, doença da coluna (p = 0,022 e limitações para atividades diárias após a queda (p = 0,001. Portanto, as campanhas de prevenção ao medo de nova queda devem visar prioritariamente às mulheres com limitação devido a quedas e com baixo convívio social.El miedo a caerse se caracteriza por la ansiedad al caminar o preocupación excesiva en caerse. Se tuvo como objetivo investigar los factores asociados al miedo de caída recurrente entre los ancianos de Florianópolis, Santa Catarina, Brasil. Se investigaron a 266 ancianos de un estudio de base poblacional que sufrieron caídas durante el año anterior. Para el análisis estadístico se utilizó la regresión de Poisson, a fin de verificar la asociación entre el desenlace "miedo de caída recurrente" y las covariables (socioeconómicas, actividad física, enfermedades, déficit cognitivo, convivencia con amigos, características de la caída y percepción de la salud, respetándose la jerarquía entre las variables. Entre los ancianos entrevistados, un 57,1% presentaron miedo a caída recurrente. En el

  3. Sonolência diurna e habilidades sociais em estudantes de medicina

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria Cristina Kloster

    Full Text Available A prática médica depende de um repertório de competências sociais que permitem ao médico desenvolver empatia, habilidades de comunicação, pensamento crítico, capacidade de liderança e tomada de decisões. Nosso objetivo foi analisar as habilidades sociais e a presença de sonolência diurna entre estudantes de Medicina nos quatro primeiros anos do curso. Os estudantes (n = 180 responderam ao Inventário de Habilidades Sociais de Del Prette & Del Prette e à Escala de Sonolência Diurna. Observou-se que não houve diferença dos escores de habilidades sociais nos diferentes anos do curso e que 47,3% dos estudantes apresentaram escores baixos, necessitando de aprimoramento. Estudantes do sexo feminino apresentaram maior autocontrole da agressividade. Entre os estudantes, 50% apresentaram sonolência diurna, cuja presença se associou a menores escores de habilidades sociais, principalmente do fator relativo à autoexposição a desconhecidos ou a situações novas.

  4. Prevalência de hipertensão arterial e fatores associados em estudantes de Ensino Médio de escolas públicas da Região Metropolitana do Recife, Pernambuco, Brasil, 2006 Prevalence of high blood pressure and associated factors in students from public schools in Greater Metropolitan Recife, Pernambuco State, Brazil, 2006

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Betânia da Mata Ribeiro Gomes

    2009-02-01

    Full Text Available O objetivo deste estudo foi identificar a prevalência de hipertensão arterial sistêmica e fatores associados à saúde em adolescentes, por meio de estudo epidemiológico transversal de base populacional, realizado no período de abril a setembro de 2006, empregando amostragem estratificada segundo porte da escola e turnos. Utilizando-se o questionário Global School-based Student Health Survey, 1.878 estudantes de 29 escolas públicas da Região Metropolitana do Recife, Pernambuco, Brasil, foram investigados quanto a: idade; sexo; índice de massa corporal; consumo de frutas, verduras, álcool e tabaco; e pressão arterial, admitindo os parâmetros da Task Force Report on High Blood Pressure in Children and Adolescent, de 1996, para pressão arterial, do Centers for Disease Control and Prevention para estado nutricional. As prevalências de hipertensão arterial (medida apenas uma vez, sobrepeso e obesidade igualaram-se a 17,3%, 6,9% e 3,7%, respectivamente. Comportaram-se como fatores associados para hipertensão arterial: sexo masculino, obesidade, sobrepeso e falta de atividade física. Concluiu-se que o conhecimento dos fatores associados para hipertensão arterial em adolescentes poderá subsidiar campanhas de educação para a saúde.The aim of this study was to identify the prevalence of systemic arterial hypertension (high blood pressure and associated health factors in adolescents, using a cross-sectional, population-based, epidemiological design from April to September 2006, within a stratified sample according to school size and shift. Using the Portuguese version of the Global School-Based Student Health Survey questionnaire, 1,878 students from 29 public schools in Greater Metropolitan Recife, Pernambuco State, Brazil, were analyzed for: age, gender, body mass index, fruit, vegetable, alcohol, and tobacco consumption, as well as blood pressure, adopting the 1996 Task Force Report on High Blood Pressure in Children and

  5. Suicide rates in the State of Rio Grande do Sul, Brazil: association with socioeconomic, cultural, and agricultural factors Taxas de suicídio no Estado do Rio Grande do Sul, Brasil: associação com fatores sócio-econômicos, culturais e agrários

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Neice Müller Xavier Faria

    2006-12-01

    Full Text Available Rio Grande do Sul State has the highest suicide rates in Brazil. Previous studies have suggested a possible role of agricultural activities, especially tobacco farming, where pesticide use is intensive. An ecological study was designed to assess associations between age-adjusted suicide rates based on death certificates and socioeconomic and agricultural factors. Suicide rates in males and females were inversely associated with schooling level and directly associated with divorce/marital separation. Rates for men were higher in areas where traditional Protestant religious were more prevalent, and rates for women were lower in areas with a higher proportion of single-inhabitant households. Multivariate analyses showed no associations between increased suicide rates and any of the agricultural variables. These results confirm the role of socioeconomic determinants of suicide, but do not support the hypothesis of a specific role of agricultural practices.As taxas de suicídio do Rio Grande do Sul são as mais elevadas do Brasil. Estudos anteriores sugeriram uma associação com atividades agrícolas, particularmente a fumicultura, onde o uso de agrotóxicos seria particularmente intenso. Um delineamento ecológico foi utilizado para identificar fatores associados ao suicídio, tendo as 35 microrregiões do Estado como unidades de análise. Coeficientes de mortalidade por suicídios, baseados no registro de óbitos, foram padronizados por idade, sendo suas associações com fatores sócio-econômicos culturais e agrícolas avaliadas por meio de regressão linear múltipla. As taxas de suicídio, para ambos os sexos, foram inferiores em microrregiões com escolaridade elevada, e superiores onde havia maior proporção de casamentos desfeitos. As taxas masculinas foram superiores nas microrregiões com mais evangélicos tradicionais e as femininas foram menores em microrregiões com maior proporção de domicílios com um morador. Na análise ajustada

  6. Triagem auditiva em hospital público de Belo Horizonte, Minas Gerais, Brasil: deficiência auditiva e seus fatores de risco em neonatos e lactentes Hearing screening in a public hospital in Belo Horizonte, Minas Gerais State, Brazil: hearing impairment and risk factors in neonates and infants

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luciana Oliveira Tiensoli

    2007-06-01

    Full Text Available O objetivo do trabalho foi estimar a prevalência de deficiência auditiva em crianças de hospital público de Belo Horizonte, Minas Gerais, Brasil, e investigar sua associação com fatores de risco descritos na literatura. O estudo transversal, retrospectivo, analisou 798 neonatos e lactentes, avaliados no Programa de Triagem Auditiva Neonatal Universal entre junho de 2002 e dezembro de 2003. Foram pesquisados os fatores de risco estabelecidos pelo Joint Committee on Infant Hearing em 1994, e por Azevedo em 1996, além da prematuridade. A prevalência de deficiência auditiva foi de 1,8% (15 casos. Foi realizada análise multivariada por regressão logística para verificação da associação entre fatores de risco e perda auditiva, que revelou associação estatisticamente significativa (valor p The objective of this study was to estimate the prevalence of hearing impairment in children in a public hospital in Belo Horizonte, Minas Gerais, Brazil, and to investigate the association with risk factors described in the literature. This study was cross-sectional and retrospective and analyzed 798 newborns and infants evaluated in the Universal Neonatal Hearing Screening Program from June 2002 to December 2003. The risk factors established by the Joint Committee on Infant Hearing in 1994 and Azevedo in 1996 were studied, besides prematurity. Prevalence of hearing impairment was 1.8% (15 cases. A multivariate logistic regression analysis was used to verify associations between risk factors and hearing impairment, showing a significant statistical association (p < 0.05 between hearing loss and suspicion of hearing loss by relatives, hyperbilirubinemia (serum level requiring exchange transfusion, ototoxic drugs, and low birth weight. A significant prevalence of hearing impairment in neonates and infants was confirmed. Attention should thus be focused on risk factors for hearing impairment, using hearing programs that ensure prevention, early

  7. Fatores preditores da sobrecarga subjetiva de familiares de pacientes psiquiátricos atendidos na rede pública de Belo Horizonte, Minas Gerais, Brasil Predictors of subjective burden for families of psychiatric patients treated in the public health care system in Belo Horizonte, Minas Gerais State, Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Sabrina Martins Barroso

    2009-09-01

    Full Text Available Foram investigados os fatores preditores da sobrecarga subjetiva em familiares de pacientes psiquiátricos, sendo entrevistados 150 familiares de pacientes selecionados aleatoriamente em quatro serviços de saúde mental de Belo Horizonte, Minas Gerais, Brasil. Utilizou-se a Escala de Sobrecarga dos Familiares de Pacientes Psiquiátricos (FBIS-BR e um questionário sócio-demográfico para coleta dos dados. As variáveis foram agrupadas em categorias temáticas analisadas separadamente para determinar a importância relativa dos fatores preditores. Os resultados mostraram que a sobrecarga subjetiva associou-se à sobrecarga objetiva e a fatores relacionados às condições clínicas dos pacientes, às condições de vida, estado de saúde e condições financeiras do cuidador e do paciente e às informações sobre o transtorno mental. O grau de sobrecarga subjetiva era menor quando o cuidador tinha lazer, atividades religiosas, admitia cuidar e tinha sentimentos positivos pelo paciente. Constatou-se a necessidade de incluir o acompanhamento aos familiares no modelo comunitário de atendimento psiquiátrico.This study investigated the predictors of subjective burden for families of psychiatric patients. We interviewed 150 relatives of patients randomly selected in four mental health care services in Belo Horizonte, Minas Gerais State, Brazil. Subjects were interviewed with the Family Burden Interview Schedule (FBIS-BR and a standardized socio-demographic questionnaire. Variables were grouped into thematic categories and separately analyzed to determine the relative importance of predictive factors. The results showed that subjective burden is influenced by objective burden and by factors related to the patient's clinical condition, the caregiver's and patient's living and health conditions and financial status, and increased demand for information on mental illness. Subjective burden was less when the caregiver practiced leisure and religious

  8. Exploração de fatores de risco para câncer de mama em mulheres de etnia Kaingáng, Terra Indígena Faxinal, Paraná, Brasil, 2008 Exploring breast cancer risk factors in Kaingáng women in the Faxinal Indigenous Territory, Paraná State, Brazil, 2008

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Edimara Patrícia da Silva

    2009-07-01

    Full Text Available O objetivo do presente estudo foi analisar a saúde das mulheres Kaingáng da Terra Indígena Faxinal, Paraná, Brasil, quanto aos fatores de risco para o câncer de mama. O estudo, de caráter descritivo-exploratório, foi realizado com 95,4% da população feminina com vinte anos ou mais. O aleitamento materno por mais de 1 ano foi relatado por 92,3% das mulheres; 41,4% tinham mais de cinco filhos; a idade média da menarca foi 13,4 anos; 61,5% nunca tinham ouvido falar do câncer de mama; o auto-exame da mama era realizado por apenas 2,9% das mulheres; o médico não realizava o exame clínico da mama, segundo 81,7% delas, e 99% nunca fizeram mamografia. Não foi relatado caso de câncer de mama ou extramamário. Destacaram-se a presença dos fatores de proteção para a carcinogênese e a ausência de alguns fatores de risco, como o uso de terapia de reposição hormonal por mais de cinco anos e etilismo, na maioria das mulheres Kaingáng.This study analyzes the health of Kaingáng women in the Faxinal indigenous territory in Paraná State, Brazil, with regard to risk factors for breast cancer. A descriptive and exploratory investigation was undertaken that included 95.4% of females 20 years or over. Data showed that 92.3% of Kaingáng women reported breastfeeding for more than one year; 41.4% had more than 5 children; mean age at menarche was 13.4 years; 61.5% had never heard of breast cancer; breast self-examination was only performed by 2.9%; 81.7% reported no clinical breast examination by a physician; 99% had never had a mammogram. No cases of breast or non-breast cancer were reported. The study highlights protective factors against carcinogenesis and the absence of key risk factors like hormone replacement therapy for more than five years and alcohol consumption in most Kaingáng women.

  9. Afetos e representações sociais: contribuições de um diálogo transdisciplinar

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Carolina Fernandes Pombo-de-Barros

    Full Text Available Este texto é resultado de uma pesquisa teórica cujos objetivos foram: explorar a afinidade entre a Teoria do Desenvolvimento Emocional, de Winnicott, e a Teoria das Representações Sociais, de Moscovici, e indicar o papel da afetividade na construção de representações sociais. Para dar sustentação ao diálogo das duas teorias, o texto aborda considerações de diferentes autores que se debruçaram sobre os processos de conhecer, perceber e interagir, e que defendem a complexidade dos fenômenos sociais e cognitivos e a necessidade de um paradigma transdisciplinar para investigá-los. Analisa, na conclusão, a presença do medo e da solidariedade nos resultados da pesquisa de Sandra Jovchelovitch sobre as representações sociais e a esfera pública no Brasil.

  10. Dinâmicas sociais e estados de humor Social dynamics and mood states

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Flávio Rebustini

    2012-06-01

    Full Text Available O objetivo do estudo foi avaliar as relações das dinâmicas sociais (família, amigos e escola; i.e., três fatores sociais sobre os estados de humor. A pesquisa foi realizada com uma equipe feminina de voleibol (14/15 anos. Aplicou-se o teste POMS (Profile of Mood States para mensurar os estados de humor. Foi utilizada uma escala de 1 (muito mal a 5 (muito bem para que as atletas avaliassem cada um dos três fatores. Os resultados apontaram correlações significativas entre as escalas e os estados de humor; e diferenças significativas entre os níveis de intensidade apontados na escala dos três fatores e os estados de humor. Os resultados indicam clara interferência das dinâmicas sociais sobre os estados de humor, portanto, as interferências sociais não podem ser descartadas na preparação do atleta.The aim of this study was to evaluate the impact of social dynamics (family, friends and school; i.e., three social factors on mood states. The survey was conducted with a women's volleyball team (14/15 years. The POMS test (Profile of Mood States was employed to measure the team's mood states. The athletes assessed the three factors by the use of a Likert scale ranging from 1 (very bad to 5 (very good. Results showed significant correlations between scales and mood states, and significant differences between the intensity levels representing their moods for each of the three factors. The results show clear interference of social dynamics on the mood states. Therefore, social interference cannot be ignored during an athlete's training program.

  11. Anemia e nível de hemoglobina como fatores prognósticos da mortalidade entre idosos residentes na comunidade: evidências da Coorte de Idosos de Bambuí, Minas Gerais, Brasil

    OpenAIRE

    Clarice Lima Álvares da Silva; Maria Fernanda Lima-Costa; Josélia Oliveira Araújo Firmo; Sérgio Viana Peixoto

    2013-01-01

    O objetivo deste trabalho foi examinar a influência de baixos níveis de hemoglobina (Hb) e anemia na mortalidade entre idosos ao longo de dez anos de seguimento (1997 a 2007). Entre os 1.742 idosos participantes da linha de base da coorte de Bambuí, Minas Gerais, Brasil, 1.322 (82,3%) foram acompanhados pelo tempo médio de 8,9 anos. A probabilidade de sobrevida foi estimada pelo método de Kaplan-Meier e o modelo de riscos proporcionais de Cox foi utilizado, estimando-se os hazard ratios (HR) ...

  12. Prevalência de mycobacterium bovis e estudo dos fatores associados entre casos de tuberculose atendidos em centros de referência, Brasil, Março 2008 Fevereiro 2010

    OpenAIRE

    Marcio Roberto Silva

    2011-01-01

    Introdução: Mycobacterium bovis é um agente do complexo M. tuberculosis que causa TB animal, mas que pode afetar também o ser humano, sendo a sua contribuição relativa no contexto global da tuberculose humana (TB) provavelmente subestimada devido às suas características de crescimento disgônico e lento e, à ausência de piruvato na maioria dos meios utilizados que dificulta o seu isolamento primário. No Brasil, cultivos de microrganismos do complexo Mycobacterium tuberculosis (CMT), sua identi...

  13. Risk factors and clinical disorders of canine ehrlichiosis in the South of Bahia, Brazil Fatores de risco e alterações clínicas da erhlichiose canina no sul da Bahia, Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Renata Santiago Alberto Carlos

    2011-09-01

    Full Text Available The aim of this work was to study the clinical disorders and risk factors of canine ehrlichiosis in Ilhéus and Itabuna, Bahia, and compare different diagnostic methods. Blood samples were collected from 200 dogs. Each dog was clinically examined. A questionnaire was used to evaluate the risk factors. The blood samples were analyzed using the Dot-ELISA test; hematometry, platelet counts and searches for morulae on blood smears were performed. Nested PCR was carried out on 50 serologically positive samples and 50 negative samples. Three positive PCRs were sequenced. Thirty-six percent were serologically positivity and 5.5% from blood smears. The animals were anemic and thrombocytopenic. Presence of ticks and living in areas on the urban periphery were considered to be risk factors (p Objetivou-se com este trabalho estudar as alterações clínicas, fatores de risco da ehrlichiose canina nos municípios de Ilhéus e Itabuna, Bahia, e comparar diferentes métodos de diagnóstico. Amostras de sangue foram coletadas de 200 cães e cada animal foi examinado clinicamente. Foi preenchido um questionário para avaliar os fatores de risco. As amostras de sangue foram analisadas pelo teste Dot-ELISA e foram realizadas hematimetria, contagem de plaquetas e procura de mórulas em esfregaço de sangue. Nested-PCR foi realizada em 50 amostras positivas e 50 negativas na sorologia. Três amostras PCRs positivas foram seqüenciadas. Foi encontrado 36,0% de positividade na sorologia e 5,5% nos esfregaços sanguíneos. Os animais apresentavam anemia e trombocitopenia. Ter carrapatos e residir em áreas suburbanas foram considerados fatores de risco (p < 0,05. A Nested-PCR identificou 11 cães positivos, sendo 9 com sorologia positiva e 2 negativos. O sequenciamento de DNA foi compatível com a presença de Ehrlichia canis.

  14. Fatores de estresse na atividade de médicos em João Pessoa (PB, Brasil Stress factors in physicians' activity in João Pessoa (Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cidalia de Lourdes Moura Santos

    2011-03-01

    Full Text Available O objetivo deste trabalho é verificar que fatores têm interferência direta no estresse de profissionais médicos em João Pessoa (PB baseado nas variáveis de uma adaptação do Inventário de Estresse em Enfermeiros (IEE proposto por Stacciarini and Trocoli (2000. Os dados foram coletados por meio de um questionário semiestruturado, composto por perguntas de identificação do colaborador seguidas de 44 quest��es de múltipla escolha, aplicado a 391 médicos que trabalhavam em hospitais. As variáveis não métricas foram submetidas à análise fatorial, que indicou a presença de oito fatores para o estresse entre esses profissionais. Nesses fatores, é possível apontar variáveis que apresentam maior impacto, a saber: relacionamento com a equipe médica, relacionamento com os colegas médicos, trabalhar em equipe, relacionamento com a chefia, trabalhar em instalações físicas inadequadas, falta de material necessário ao trabalho e trabalhar em horário noturno. Esses resultados podem contribuir para o gerenciamento do estresse entre médicos.The objective of this study is to verify what factors impact directly on the development of stress among physicians in João Pessoa (PB based on the variables of an adaptation made to the Stress in Nurses Inventory (IEE proposed by Stacciarini and Trocoli (2000. The data were collected through a semi-structured questionnaire composed of identification questions and multiple-choice questions (44 applied to 391 hospital physicians. The non-metric variables were submitted to Factor Analysis, which indicated eight determinant factors for stress among these professionals. It is possible to highlight variables that cause greater impact, such as: "medic-staff relationships", "colleague relationships", "group-working", "relationships with the administration", "working in inadequate environments", "lack of necessary equipment" and "working at night". These results may contribute to stress management

  15. Grupo Focal em Pesquisas Sociais

    OpenAIRE

    Maria Lúcia Silva Servo; Pricila Oliveira Araújo

    2012-01-01

    Este artigo tem como objetivo discutir a técnica de grupo focal em pesquisas sociais. Apresenta-se as concepções sobre grupo focal. Traz-se os postulados de Pichon-Rivière sobre grupo operativo, os instrumentos de planificação, os vetores do campo grupal para nortear a dinâmica e a observação do campo grupal, bem como a organização, a operacionalização e a análise dos dados das sessões de grupo focal. Através desta técnica de coleta de dados em pesquisas sociais, é possível a construção do EC...

  16. Grupo Focal em Pesquisas Sociais

    OpenAIRE

    Maria Lúcia Silva Servo; Pricila Oliveira Araújo

    2012-01-01

    Este artigo tem como objetivo discutir a técnica de grupo focal em pesquisas sociais. Apresenta-se as concepções sobre grupo focal. Traz-se os postulados de Pichon-Rivière sobre grupo operativo, os instrumentos de planificação, os vetores do campo grupal para nortear a dinâmica e a observação do campo grupal, bem como a organização, a operacionalização e a análise dos dados das sessões de grupo focal. Através desta técnica de coleta de dados em pesquisas sociais, é possível a construção do EC...

  17. Risk-factors for antepartum fetal deaths in the city of São Paulo, Brazil Fatores de risco para mortes fetais anteparto no Município de São Paulo, Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marcia Furquim de Almeida

    2007-02-01

    Full Text Available OBJECTIVE: To assess risk factors for antepartum fetal deaths. METHODS: A population-based case-control study was carried out in the city of São Paulo from August 2000 to January 2001. Subjects were selected from a birth cohort from a linked birth and death certificate database. Cases were 164 antepartum fetal deaths and controls were drawn from a random sample of 313 births surviving at least 28 days. Information was collected from birth and death certificates, hospital records and home interviews. A hierarchical conceptual framework guided the logistic regression analysis. RESULTS: Statistically significant factors associated with antepartum fetal death were: mother without or recent marital union; mother's education under four years; mothers with previous low birth weight infant; mothers with hypertension, diabetes, bleeding during pregnancy; no or inadequate prenatal care; congenital malformation and intrauterine growth restriction. The highest population attributable fractions were for inadequacy of prenatal care (40%, hypertension (27%, intrauterine growth restriction (30% and absence of a long-standing union (26%. CONCLUSIONS: Proximal biological risk factors are most important in antepartum fetal deaths. However, distal factors - mother's low education and marital status - are also significant. Improving access to and quality of prenatal care could have a large impact on fetal mortality.OBJETIVO: Analisar os fatores de risco para óbitos fetais anteparto. METODOS: Estudo de caso-controle de base populacional realizado no Município de São Paulo, SP, de agosto de 2000 a janeiro de 2001. Os indivíduos foram selecionados a partir de uma coorte de nascimentos, obtida por meio de vinculação de declarações de nascimento e óbito. Os casos foram 164 óbitos fetais anteparto e os controles, uma amostra aleatória de 313 de sobreviventes até 28 dias. Foram realizadas entrevistas domiciliares com as mães e aplicado protocolo hospitalar

  18. Fatores determinantes da qualidade das águas superficiais na bacia do Alto Acaraú, Ceará, Brasil Assessment of the surface water quality in the upland of Acaraú watershed, Ceará, Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Eunice Maia de Andrade

    2007-12-01

    Full Text Available Análise Fatorial/Análise da Componente Principal (AF/ACP foram empregadas com o objetivo de identificar os fatores determinantes (naturais e antrópicos da qualidade das águas superficiais na bacia do Alto Acaraú, Ceará. Realizaram-se coletas trimestrais, no período de fev/2003 a mar/2004, em seis pontos localizados nas áreas de influência urbana e de drenagem de perímetros irrigados. Foram analisados os parâmetros pH, temperatura, cor, turbidez, nitrato, amônia total, amônia livre, amônia ionizada, sódio, cloretos, potássio, sulfato, dureza, cálcio, magnésio, alcalinidade total, alcalinidade do bicarbonato, condutividade elétrica, sólidos suspensos, oxigênio dissolvido, demanda bioquímica de oxigênio, fósforo total, ortofosfato solúvel, clorofila "A", coliformes totais e coliformes termotolerantes. Através das técnicas de estatística multivariada, AF/ACP, foram selecionadas as variáveis que explicavam o maior percentual da variância total dos dados. Três componentes são responsáveis pela estrutura da qualidade das águas explicando 88% da variância total. O modelo mostrou que o primeiro fator (39,81% da variância expressou-se como um componente mineral. O segundo, explicando 29,22% da variância, apresentou-se como um componente de nutrientes. No terceiro fator (19,16% da variância, identificou-se como um componente de escoamento superficial das áreas agrícolas e clima. A rotação dos fatores, os parâmetros indicadores da qualidade das águas estão, principalmente, relacionados com a solubilidade dos sais (natural, com nutrientes e transporte de sedimentos (ação antrópica.Factor analysis/Principal Component Analysis (FA/PCA were applied to the data set on water quality in upper Acaraú River basin (Brazil to study the effects caused by human activities on water. Variables were measured at six key sampling sites (villages and agricultural areas in four campaigns from February/2003 to March/2004. The

  19. REVISÃO SOBRE REDES SOCIAIS: APLICAÇÕES E CONTRIBUIÇÕES PARA A GESTÃO DO CONHECIMENTO

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Vanessa Becker Bertoni

    2016-12-01

    Full Text Available Este trabalho apresenta uma abordagem sobre redes sociais intraorganizacionais usados em estudos anteriores. Mais especificadamente, identificam-se métodos de coleta de dados em redes sociais, a constituição da sua estrutura organizacional e as influências e fatores das redes sociais perante a transferência do conhecimento. O levantamento foi realizado através de uma revisão sistemática da literatura e algumas etapas foram estabelecidas baseada no protocolo Prisma. Foram selecionados 55 artigos dos quais os principais resultados apresentam: (i as principais análises de redes utilizadas em pesquisas, (ii como se consolidam as estruturas das mesmas no âmbito pessoal e organizacional, (iii e quais os fatores que travam a transferência do conhecimento na estrutura organizacional.

  20. Prevalência e fatores associados à obesidade abdominal em indivíduos na faixa etária de 25 a 59 anos do Estado de Pernambuco, Brasil Prevalencia y factores asociados a la obesidad abdominal en individuos en una franja de edad de 25 a 59 años del estado de Pernambuco, Brasil Prevalence of abdominal obesity and associated factors among individuals 25 to 59 years of age in Pernambuco State, Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Claudia Porto Sabino Pinho

    2013-02-01

    Full Text Available Com o objetivo de estimar a prevalência de obesidade abdominal e avaliar os fatores associados em adultos do Estado de Pernambuco, Brasil, foi realizado, em 2006, um estudo transversal, de base populacional, envolvendo 1.580 indivíduos na faixa etária de 25-59 anos. A obesidade abdominal foi determinada pela circunferência da cintura ≥ 80cm para mulheres e ≥ 94cm para homens. O modelo conceitual considerou variáveis socioeconômicas, demográficas, reprodutivas e comportamentais. A prevalência de obesidade abdominal foi de 27,1% (IC95%: 23,8-30,7 no sexo masculino e 69,9% (IC95%: 66,8-72,8 no feminino (p Con el objetivo de estimar la prevalencia de obesidad abdominal y evaluar los factores asociados en adultos del estado de Pernambuco, Brasil, se realizó, en 2006, un estudio transversal, de base poblacional, involucrando a 1.580 individuos en una franja de edad de 25-59 años. La obesidad abdominal fue determinada por la circunferencia de la cintura ≥ 80cm para mujeres y ≥ 94cm para hombres. El modelo conceptual consideró variables socioeconómicas, demográficas, reproductivas y de comportamiento. La prevalencia de obesidad abdominal fue de un 27,1% (IC95%: 23,8-30,7 en el sexo masculino y un 69,9% (IC95%: 66,8-72,8 en el femenino (p In order to estimate the prevalence of abdominal obesity and associated factors in Pernambuco State, Brazil, a cross-sectional population-based study was conducted in 2006, including 1,580 adults 25 to 59 years of age. Abdominal obesity was defined as waist circumference (WC ≥ 80cm in women and ≥ 94cm in men. The conceptual model included demographic, socioeconomic, reproductive, and behavioral variables. Prevalence of abdominal obesity was 27.1% (95%CI: 23.8-30.7 in males and 69.9% (95%CI: 66.8-72.8 in females (p < 0.001. Multivariate analysis showed higher prevalence in men 50 years or older in the metropolitan area and those with higher income, former smokers, and drinkers. Among women

  1. Fatores dietéticos e câncer oral: estudo caso-controle na Região Metropolitana de São Paulo, Brasil Dietary factors and oral cancer: a case-control study in Greater Metropolitan São Paulo, Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Dirce Maria Lobo Marchioni

    2007-03-01

    Full Text Available Neste estudo, investigou-se os fatores dietéticos associados com o câncer oral, em um estudo tipo caso-controle de base hospitalar no Município de São Paulo, Brasil, entre 1998 e 2002. Participaram 835 indivíduos, sendo 366 casos incidentes de câncer de cavidade oral ou faringe e 469 controles. Os dados de consumo alimentar foram obtidos por um Questionário de Freqüência Alimentar (QFA. Os valores de odds ratio (OR e intervalos com 95% de confiança (IC95% foram estimados por regressão logística não condicional, ajustada por potenciais fatores de confusão. Verificaram-se associações inversas entre o câncer oral e o consumo mais elevado de feijão, OR = 0,37 (IC95%: 0,22-0,64, vegetais crus, OR = 0,51 (IC95%: 0,29-0,93 e para o tercil intermediário de arroz e massas, OR = 0,56 (IC95%: 0,38-0,83. Associações diretas foram observadas para o mais elevado consumo de ovos, OR = 1,84 (IC95%: 1,23-2,75, batata, OR = 2,22 (IC95%: 1,53-3,25 e leite, OR= 1,80 (IC95%: 1,09-2,98. Alimentos básicos da dieta do brasileiro, como arroz e feijão, emergiram como fatores de proteção para o câncer oral, independente de outros fatores de risco.Dietary factors associated with oral cancer were investigated in a case-control hospital-based study in the city of São Paulo, Brazil, from 1998 to 2002. A total of 835 subjects, 366 with histologically confirmed incident cases of oral-cavity or pharyngeal cancer and 469 controls participated in the study. Dietary data were collected with a food frequency questionnaire (FFQ. Odds ratios (OR and 95% confidence intervals (95%CI were obtained from unconditional logistic regression, adjusted for potential confounders. Inverse associations with risk of oral cancer were found for the highest intake of beans, OR = 0.37 (95%CI: 0.22-0.64, raw vegetables, OR = 0.51 (95%CI: 0.29-0.93 and the intermediate tertile of rice and pasta intake, OR = 0.56 (95%CI: 0.38-0.83. Positive associations were observed for the

  2. Fatores associados à ocorrência de formas imaturas de Aedes aegypti na Ilha do Governador, Rio de Janeiro, Brasil Factors associated to the ocurrence of immature forms of Aedes aegypti in the Ilha do Governador, Rio de Janeiro, Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Reinaldo Souza-Santos

    1999-08-01

    Full Text Available Aedes aegypti é o vetor urbano da dengue, doença que pode resultar em epidemias. Estudos ecológicos tornam-se importantes uma vez que populações do vetor de diferentes áreas podem diferir quanto a características bio-ecológicas, relevantes para orientar ações de controle. Este trabalho objetiva identificar e analisar fatores associados à ocorrência de formas imaturas de A. aegypti na Ilha do Governador, Rio de Janeiro, a partir dos dados da Fundação Nacional de Saúde (FNS. Os resultados mostram que 58,04% do total de criadouros inspecionados foram constituídos por suportes para vasos com plantas, vasilhames de plástico ou vidro abandonados no peridomicílio. Maiores percentuais de criadouros positivos foram observados para pneus (1,41%, tanques, poços e cisternas (0,93%, e barris, tonéis e tinas (0,64%. Maiores proporções de criadouros positivos durante o verão foram as dos grandes reservatórios de água e a dos criadouros provenientes do lixo doméstico. No inverno, verificamos maior valor para os pequenos reservatórios de água para uso doméstico. As maiores proporções de criadouros positivos foram observadas após três meses sem atividades da FNS. A análise fatorial mostrou que o principal fator determinante da ocorrência de fases imaturas de A. aegypti é aquele que leva em consideração os fatores meteorológicos. A eliminação e tratamento de criadouros pelos agentes da FNS apresentaram-se como menos importantes. Tais fatos apontam a necessidade de controle contínuo, indicando menor atenção da FNS, durante o inverno, em relação aos pequenos reservatórios, que podem manter formas imaturas de A. aegypti.Aedes aegypti is the vector of dengue, a disease that can result in epidemics. Ecological studies are important because different geographical populations of the vector may differ in their bio-ecological characteristics, which can be helpful in guiding control actions. The objective of this study was to

  3. Fatores associados ao aleitamento materno em dois municípios com baixo índice de desenvolvimento humano no Nordeste do Brasil Factors associated with breastfeeding in two municipalities with low human development index in Northeast Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Mirella Gondim Ozias Aquino de Oliveira

    2013-03-01

    Full Text Available OBJETIVOS: Determinar a duração do aleitamento materno e verificar os fatores associados ao aleitamento exclusivo/predominante (AMEP, em crianças menores de dois anos de idade. MÉTODOS: Estudo transversal realizado nos municípios de Gameleira, situado na Zona da Mata Sul do Estado de Pernambuco e em São João do Tigre, pertencente à Zona Semi-Árida do Estado da Paraíba, no período de março a junho de 2005. A amostra foi composta por 504 crianças menores de dois anos (280 residentes em Gameleira e 224 em São João do Tigre. Utilizou-se a análise de sobrevida para estimar a mediana do aleitamento materno e das associações com a condição socioeconômica, com fatores relacionados às mães e crianças e assistência à saúde. RESULTADOS: As durações medianas do tempo de sobrevida do aleitamento materno exclusivo, exclusivo/predominante e aleitamento materno foram de 19, 79 e 179 dias em Gameleira e de 23, 91, e 169 dias em São João do Tigre, respectivamente. Mães com melhores condições socioeconômicas, representadas pela escolaridade, saneamento básico e posse de bens de consumo apresentaram maior duração do aleitamento exclusivo/predominante em ambos os municípios. Assistência pré-natal representada pelo maior número de consultas, início mais precoce e com orientação referente à alimentação e ao aleitamento materno influenciaram positivamente na duração do aleitamento exclusivo/predominante. CONCLUSÕES: A duração do aleitamento esteve aquém da recomendada. Apesar das precárias condições de vida das famílias, uma melhor condição socioeconômica e assistência ao pré-natal foram fatores protetores na duração do aleitamento exclusivo/predominante nessas áreas. OBJECTIVE: To determine the duration of breastfeeding and to identify factors associated with exclusive / predominant breastfeeding in children under two years old. METHODS: This is a cross-sectional study conducted from March to June 2005

  4. Fatores de risco para o desenvolvimento de sepse neonatal precoce em hospital da rede pública do Brasil Risk factors for early-onset neonatal sepsis in Brazilian public hospital short-title: early-onset neonatal sepsis

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ana Paula Goulart

    2006-06-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: O conhecimento dos fatores de risco associados à sepse neonatal precoce em unidade de neonatologia, inserida na realidade de nosso sistema de saúde, no sentido de se detectar, prevenir e adotar medidas específicas e reduzir as taxas de mortalidade nessa faixa etária. O objetivo deste estudo foi determinar os fatores de risco associados a sepse neonatal precoce em hospital de referência em neonatologia ligado à rede pública de saúde. MÉTODO: Foi realizado um estudo observacional, prospectivo, tipo caso-controle. Foram incluídos os recém-nascidos com diagnóstico de sepse precoce e como controle, recém-nascidos sem infecção neonatal nascido na mesma data do recém-nascido considerado como caso. Foram incluídos 50 casos e três controles para cada caso, resultando em amostra total de 200 pacientes. Foi considerada estatisticamente significativa a associação quando p BACKGROUND AND OBJECTIVES: The determination of the risk factors to early-onset neonatal sepsis in our country is essential to prevent and reduce the mortality associated with this syndrome. Thus, the objective of this study was to determine the frequency and associated risk factors to early-onset neonatal sepsis in public hospital in Southern Brazil. METHODS: Observational, case-control study. Were included neonates with diagnostic of early-onset neonatal sepsis and as controls, neonates without neonatal infection. Were included 50 cases and 3 controls for each case resulting in a total sample of 200 patients. Associations were considered significant when p < 0.05. RESULTS: The sepsis frequency was 50.3 per 1000 born-alive. Risk factors associated to the development of neonatal sepsis were prematurity (OR 9.33; p < 0.001, low birth weight (OR 11.74; p < 0.001, maternal infection (OR 2.28; p = 0.009, mother with history of previous infant with neonatal sepsis (OR 6.43; p = 0.035 and rupture of the membranes more than 18 hours before delivery

  5. Trabalho rural e fatores de risco associados ao regime de uso de agrotóxicos em Minas Gerais, Brasil Rural work and risk factors associated with pesticide use in Minas Gerais, Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Wagner Soares

    2003-08-01

    Full Text Available O objetivo deste artigo foi caracterizar o processo do trabalho rural em nove municípios de Minas Gerais, considerando indicadores sócio-demográficos, a estrutura agrária dos estabelecimentos rurais, práticas de trabalho relacionadas ao uso de agrotóxicos e, a intoxicação associada a seu uso. Os dados foram obtidos de uma pesquisa realizada pela Fundação Jorge Duprat Figueiredo, de Segurança e Medicina do Trabalho, que aplicou um questionário a 1.064 trabalhadores rurais, entre os anos de 1991 a 2000. Por meio de uma regressão logística, foram obtidos os fatores de risco associados à intoxicação por agrotóxicos dos grupos organofosforados e carbamatos. Cerca de 50% dos entrevistados se encontravam ao menos moderadamente intoxicados. Os fatores de risco encontrados foram: ter o último contato a menos de duas semanas com agrotóxicos; não usar proteção; ser orientado pelo vendedor; citar organofosforado ou carbamato como agrotóxico principal e trabalhar nos municípios de Teófoli Otoni, Guidoval ou Piraúba. Os resultados apontam para o alto grau de risco de agravos à saúde a que estão sujeitos trabalhadores rurais em contato com agrotóxicos.This paper aimed to characterize the rural work process in nine counties in Minas Gerais State, considering socio-demographic indicators, the land tenure structure of farm operations, and work practices related to pesticide use and poisoning Data were obtained through the Jorge Duprat Figueiredo Foundation for Workers' Safety and Occupational Medicine, which applied a questionnaire to 1,064 rural workers from 1991 to 2000. Through a logistic regression, risk factors associated with pesticide poisoning were obtained for the carbamate and organophosphate groups. Some 50% of interviewees displayed at least moderate pesticide toxicity. Risk factors for pesticide poisoning were: last contact with pesticides less than two weeks before the blood cholinesterase test; no use of personal

  6. Ocorrência de complicações crônicas e seus fatores de risco em pacientes diabéticos atendidos pelo Programa Saúde da Família de Muriaé, MG, Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Pedro Paulo Pedrosa NETTO

    2015-01-01

    Full Text Available O objetivo deste trabalho foi analisar a ocorrência de complicações associadas ao diabetes e identificar seus fatores de risco em indivíduos com diabetes mellitus assistidos pelo Programa Saúde da Família de Muriaé-MG. Foi realizado um estudo quantitativo, transversal no período de fevereiro a junho de 2009 na unidade do Programa de Saúde da Família (PSF do bairro São Gotardo no município de Muriaé, MG. A amostra foi constituída por 50 pacientes. As informações de cada participante foram obtidas por meio de um questionário estruturado. As informações sobre a ocorrência de complicações crônicas do diabetes foram obtidas por meio da análise dos prontuários dos pacientes. Foi observado que 23 (46,0% pacientes não apresentavam complicação da doença, enquanto 27 (54,0% apresentavam pelo menos uma complicação, sendo as mais frequentes retinopatia, presente em 18 (66,67% pacientes, doenças cardiovasculares (14, 51,85% e neuropatia diabética (11, 40,74%. Os fatores de risco mais prevalentes foram sedentarismo (39, 78,0%, obesidade central (7, 74,0% e HAS (35, 70,0%. Ainda são necessários grandes esforços na atenção primária ao paciente diabético com relação ao tratamento adequado da doença e à adesão de hábitos de vida saudáveis, pois a presença de complicações associadas ao estado de saúde geral dos pacientes diabéticos diminui significativamente a qualidade de vida desta população.

  7. Fatores determinantes da capacidade funcional entre idosos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rosa Tereza Etsuko da Costa

    2003-01-01

    Full Text Available OBJETIVO; Investigar a influência de fatores socioeconômicos e demográficos relativos à saúde, bem como os fatores ligados às atividades sociais e à avaliação subjetiva da saúde sobre a capacidade funcional dos idosos. MÉTODOS: Estudo transversal, integrante de estudo multicêntrico, em amostra representativa do município de São Paulo, realizado em 1989. A capacidade funcional foi avaliada através da escala de atividades da vida diária pessoal e instrumental e investigada como variável dicotômica: ausência de dependência - incapacidade/dificuldade em nenhuma das atividades versus presença de dependência moderada/grave - incapacidade/dificuldade em 4 ou mais atividades. Análise de regressão logística múltipla foi aplicada aos fatores hierarquicamente agrupados. RESULTADOS: As características que se associaram com a dependência moderada/grave foram analfabetismo, ser aposentado, ser pensionista, ser dona de casa, não ser proprietário da moradia, ter mais de 65 anos, ter composição familiar multigeracional, ter sido internado nos últimos 6 meses, ser "caso" no rastreamento de saúde mental, não visitar amigos, ter problemas de visão, ter história de derrame, não visitar parentes e ter avaliação pessimista da saúde ao se comparar com seus pares. CONCLUSÕES: As características identificadas que se associaram à dependência moderada/grave sugerem uma complexa rede causal do declínio da capacidade funcional. Pode-se supor, entretanto, que ações preventivas especificamente voltadas para certos fatores podem propiciar benefícios para o prolongamento do bem estar da população idosa.

  8. Fatores determinantes da capacidade funcional entre idosos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Tereza Etsuko da Costa Rosa

    2003-02-01

    Full Text Available OBJETIVO; Investigar a influência de fatores socioeconômicos e demográficos relativos à saúde, bem como os fatores ligados às atividades sociais e à avaliação subjetiva da saúde sobre a capacidade funcional dos idosos. MÉTODOS: Estudo transversal, integrante de estudo multicêntrico, em amostra representativa do município de São Paulo, realizado em 1989. A capacidade funcional foi avaliada através da escala de atividades da vida diária pessoal e instrumental e investigada como variável dicotômica: ausência de dependência - incapacidade/dificuldade em nenhuma das atividades versus presença de dependência moderada/grave - incapacidade/dificuldade em 4 ou mais atividades. Análise de regressão logística múltipla foi aplicada aos fatores hierarquicamente agrupados. RESULTADOS: As características que se associaram com a dependência moderada/grave foram analfabetismo, ser aposentado, ser pensionista, ser dona de casa, não ser proprietário da moradia, ter mais de 65 anos, ter composição familiar multigeracional, ter sido internado nos últimos 6 meses, ser "caso" no rastreamento de saúde mental, não visitar amigos, ter problemas de visão, ter história de derrame, não visitar parentes e ter avaliação pessimista da saúde ao se comparar com seus pares. CONCLUSÕES: As características identificadas que se associaram à dependência moderada/grave sugerem uma complexa rede causal do declínio da capacidade funcional. Pode-se supor, entretanto, que ações preventivas especificamente voltadas para certos fatores podem propiciar benefícios para o prolongamento do bem estar da população idosa.

  9. Logística reversa de defensivos agrícolas: fatores que influenciam na consciência ambiental de agricultores gaúchos e mineiros

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Wagner Junior Ladeira

    2012-03-01

    Full Text Available Nos últimos anos, observa-se um aumento das pressões legais e sociais em favor de uma maior preocupação com o meio ambiente em vários países, incluindo o Brasil. Se antes o foco era indústrias poluidoras, agora, também o setor agrícola sofre essas pressões. Considerando este cenário, o presente estudo tem como objetivo verificar quais são os principais fatores que levam produtores rurais a realizarem a logística reversa de embalagens de defensivos agrícolas. Para isso, foram aplicados questionários a 398 agricultores (residentes no Rio Grande do Sul e em Minas Gerais, produtores de soja, café, fumo, feijão e morango. Analisaram-se tanto as questões ambientais quanto as questões legais incluídas nesse processo. A fim de se atingir o objetivo proposto, foi adotada uma abordagem quantitativa, através da análise de regressão múltipla. No modelo de regressão estimado, observou-se que, dentro do processo de recolhimento de embalagens, três questões foram relacionadas à consciência ambiental: i manuseio de defensivos agrícolas e a legislação atual; ii adoção de tecnologia e de novas práticas e iii riscos a saúde humana. Nos achados empíricos a consciência ambiental recebe fortes interferências de fatores relacionados ao manuseio de defensivos agrícolas e da legislação atual.

  10. O trabalho como fator determinante da defasagem escolar dos meninos no Brasil: mito ou realidade? Labor as a determinant factor of school result discrepancy in Brazil: myth or reality?

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Amélia Cristina Abreu Artes

    2010-06-01

    Full Text Available Este artigo tem por objetivo avaliar a influência do trabalho nas trajetórias escolares a partir dos microdados da Pesquisa Nacional de Amostra por Domicílio - PNAD 2006. Desenvolve-se uma modelagem estatística, visando explicar a defasagem entre idade e anos de estudo a partir da variável sexo e considerando o fator trabalho como variável de controle. Os resultados indicam que o trabalho prejudica o percurso escolar mais intensamente para os meninos e os afazeres domésticos de forma mais sutil para as meninas, com resultados piores para os negros de ambos os sexos, mas somente essa variável não explica a maior defasagem escolar do sexo masculino.This article aims to evaluate the labor influence on school courses of boys and girls. Based on the micro data of PNAD 2006 (National Residence Sample Survey, a statistic model is developed to explain the discrepancy in age- years of study, taking into account the sex and considering labor as a control variable. The results indicate that working damages more intensively the boys' school process, and housework in a more subtle way influences the girls' school process. The worse results were observed for blacks of both sex.

  11. Impacto do monitoramento telefônico de gestantes na prevalência da prematuridade e análise dos fatores de risco associados em Piracicaba, São Paulo, Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rogerio Antonio Tuon

    2016-01-01

    Full Text Available Resumo: Objetivou-se verificar o impacto do monitoramento telefônico na prevalência da prematuridade e identificar os fatores de risco associados ao parto prematuro através de estudo transversal, de universo de gestantes monitoradas nos anos de 2010, 2011 e 2012 (n = 2.739. Utilizou-se estimação de modelos de regressão logística múltipla hierarquizada, considerando permanência no modelo p ≤ 0,05. A prevalência de prematuridade foi de 8,34% nas gestantes monitoradas e de 10,18% nas não monitoradas (p = 0,0058, sendo inversamente proporcional ao número de monitoramentos (p < 0,0001. As variáveis associadas foram: idade materna menor que 19 anos, antecedentes de dois ou mais filhos mortos, gestação múltipla, diabetes e hipertensão arterial, menor número de monitoramentos telefônicos, atividades laborais em pé e/ou carga de peso, fumo, número de consultas pré-natal, sem ultrassonografia, diabetes gestacional, gravidez múltipla e anomalia fetal. Com custos baixos, a estratégia demonstrou ser efetiva na redução da ocorrência do parto prematuro.

  12. Fatores psicossociais e sociodemográficos associados à depressão pós-parto: Um estudo em hospitais público e privado da cidade de São Paulo, Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria de Lima Salum e Morais

    2015-03-01

    Full Text Available ResumoO estudo avaliou a prevalência de depressão pós-parto (DPP e fatores associados em mulheres que deram à luz em dois hospitais da cidade de São Paulo: um público e outro privado. Foram aplicados questionários padronizados, a Escala de Depressão Pós-parto de Edimburgo (EDPE e a Escala de Apoio Social de MOS (EAS a 462 mulheres: 205, no hospital público e 257, no privado. Foram obtidos dados sociodemográficos, psicossociais, obstétricos e do recém-nascido (RN. Consideraram-se deprimidas mulheres com 12 ou mais pontos na EDPE, aplicada no 3º ou 4º mês após o parto. No hospital público, a prevalência de DPP foi de 26% e, no privado, de 9%. Características dos RN foram semelhantes nas duas amostras; idade, escolaridade, número de visitas de pré-natal e de cesarianas das mães foram maiores no hospital privado. Análise de regressão envolvendo características psicossociais das participantes revelou associação positiva de DPP com depressão anterior e com frequência de conflitos com o parceiro e relação negativa com anos de escolaridade e escore de apoio social.

  13. Prevenção de defeitos do tubo neural: prevalência do uso da suplementação de ácido fólico e fatores associados em gestantes na cidade de Pelotas, Rio Grande do Sul, Brasil Prevention of neural tube defects: prevalence of folic acid supplementation during pregnancy and associated factors in Pelotas, Rio Grande do Sul State, Brazil

    OpenAIRE

    Cíntia Leal Sclowitz Mezzomo; Gilberto de Lima Garcias; Marcelo Leal Sclowitz; Iandora Timm Sclowitz; Clarice Brinck Brum; Tiago Fontana; Ricardo Issler Unfried

    2007-01-01

    Com o objetivo de determinar a prevalência do uso do ácido fólico e fatores associados na gestação e no período periconcepcional, realizou-se um estudo transversal de base populacional nas cinco maternidades da cidade de Pelotas, Rio Grande do Sul, Brasil. A coleta de dados ocorreu no período de 1º de abril a 15 de agosto de 2006, com 1.450 mulheres. As entrevistas foram realizadas em nível hospitalar por questionário padronizado. A análise estatística se realizou por regressão de Poisson. A ...

  14. Sobrevida de cinco anos e fatores prognósticos em coorte de pacientes com câncer de mama assistidas em Juiz de Fora, Minas Gerais, Brasil Five-year survival and prognostic factors in a cohort of breast cancer patients treated in Juiz de Fora, Minas Gerais State, Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maximiliano Ribeiro Guerra

    2009-11-01

    Full Text Available O objetivo deste estudo foi analisar a sobrevida de cinco anos e os fatores prognósticos em mulheres com câncer invasivo da mama, submetidas à cirurgia e assistidas em Juiz de Fora, Minas Gerais, Brasil, com diagnóstico da doença entre 1998 e 2000. As variáveis analisadas foram: idade, cor, local de residência, variáveis relacionadas ao tumor e ao tratamento. Foram estimadas as funções de sobrevida pelo método de Kaplan-Meier, e o modelo de riscos proporcionais de Cox foi utilizado para avaliação prognóstica. A sobrevida estimada foi de 81,8%. Tamanho tumoral e comprometimento de linfonodos axilares foram os fatores prognósticos independentes mais importantes, com risco de óbito aumentado para mulheres com tamanho do tumor maior que 2,0cm (HR = 1,97; IC95%: 1,26-3,07 e com metástase para gânglios axilares (HR = 4,04; IC95%: 2,55-6,39. Tais achados enfatizam a importância do diagnóstico e tratamento precoces. O acesso às ações de rastreamento nos diversos níveis de assistência, especialmente para o grupo considerado como de maior risco, deve ser uma prioridade para os gestores de saúde no país.The purpose of this study was to analyze five-year survival and the main prognostic factors among women with invasive breast cancer diagnosed from 1998 to 2000 that had undergone surgical treatment in the city of Juiz de Fora, Minas Gerais State, Brazil. Study variables were: age, skin color, place of residence, tumor-related variables, and treatment-related variables. Survival functions were calculated by the Kaplan-Meier method, and multivariate analysis was performed using the Cox proportional hazard model. Disease-specific survival was 81.8%. Tumor size and lymph node involvement were the main independent prognostic factors in the study population, with increased risk of death for women with tumor size greater than 2.0cm (HR = 1.97; 95%CI: 1.26-3.07 and positive axillary lymph nodes (HR = 4.04; 95%CI: 2.55-6.39. The results

  15. Prematuridade e fatores associados no Estado de Santa Catarina, Brasil, no ano de 2005: análise dos dados do Sistema de Informações sobre Nascidos Vivos Prematurity and associated factors in Santa Catarina State, Brazil, in 2005: an analysis based on data from the Information System on Live Births

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Andreia Morales Cascaes

    2008-05-01

    Full Text Available O presente estudo objetivou estimar a prevalência da prematuridade no Estado de Santa Catarina, Brasil, e identificar seus fatores associados. Os dados foram obtidos no banco de dados do Sistema de Informações sobre Nascidos Vivos (SINASC de Santa Catarina. Foram aplicados os testes qui-quadrado e de tendência linear de Wald entre a variável dependente (prematuridade e as independentes. Para verificar a associação dos fatores estudados à prematuridade realizou-se a análise de regressão logística múltipla. Em 2005, a prevalência de prematuridade foi igual a 6,1% (IC95%: 5,9-6,2. A chance de prematuridade foi maior quanto menor o número de consultas pré-natal, em mães com idade superior a 40 e inferior a 20 anos e em mães submetidas ao parto cesariano. A prevalência de prematuridade parece estar aumentando em Santa Catarina. Dado o atual panorama no estado, é possível sugerir que o incentivo à assistência pré-natal e o desestímulo à cesariana eletiva poderiam contribuir com a redução da prematuridade. Mais estudos utilizando os bancos de dados existentes e apontando suas fragilidades podem contribuir para a melhoria da qualidade dessas informações.The aim of this study was to evaluate the prevalence of preterm birth in the State of Santa Catarina, Brazil, and identify associated factors. Data were obtained from the SINASC database (Information System on Live Births. The qui-squared test and Wald linear trend test between the dependent variable (prematurity and the covariates were applied. Logistic regression was performed to evaluate the association between factors. In 2005, the preterm birth rate was 6.1% (95%CI: 5.9-6.2. Odds of prematurity were higher among mothers under 20 and over 40 years old, those with fewer prenatal consultations, and those undergoing cesarean sections. Prevalence of prematurity in Santa Catarina appears to be increasing. This scenario suggests the need to encourage prenatal care and

  16. Prevalence of childhood stress and associated factors: a study of schoolchildren in a city in Rio Grande do Sul State, Brazil Prevalência de estresse infantil e fatores associados: um estudo com escolares em uma cidade do Estado do Rio Grande do Sul, Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cláudia Rosi Sbaraini

    2008-05-01

    Full Text Available This was a cross-sectional school-based study of 883 fourth-grade elementary schoolchildren at private (5, municipal (18, and State (11 schools in a city in Rio Grande do Sul State, Brazil. The objective was to identify the prevalence of childhood stress and its associated factors. The assessment used the Lipp & Lucarelli Childhood Stress Scale (2005 and a parental questionnaire. The results showed 18.2% stress prevalence in the schoolchildren. Factors associated with stress according to bivariate analysis were: gender (female, age (> 10 years, type of school (public, parents' marital status (not married, family relationship (fair/bad, social interaction (fair/bad, child's autonomous activities (lack of, and parents schooling' (elementary. After Cox regression, gender and social interaction remained in the final model as the factors associated with stress, demonstrating that girls and children with fair or bad social interaction had an increased likelihood of stress. The results point to the importance of early detection of childhood stress and the need for preventive measures to relieve the suffering caused by stress in so many children.Trata-se de estudo de base escolar, com delineamento transversal, que avaliou 883 crianças que estudavam na 4ª série do Ensino Fundamental das escolas particulares (5, municipais (18 e estaduais (11 de uma cidade do Estado do Rio Grande do Sul, Brasil. O objetivo foi identificar prevalência e fatores associados ao estresse infantil. Os instrumentos utilizados foram: Escala de Estresse Infantil e questionário dirigido aos pais. Os resultados mostraram prevalência de estresse em 18,2% dos escolares. Os fatores associados ao desfecho na análise bivariada foram: sexo (feminino, idade (mais de dez anos, tipo de escola (pública, situação conjugal dos pais (não casados, relacionamento familiar (regular/ruim, convívio social (regular/ruim, atividades de autonomia (não possui e escolaridade da mãe e do pai

  17. Fatores associados ao uso de benzodiazepínicos no serviço municipal de saúde da cidade de Coronel Fabriciano, Minas Gerais, Brasil Factors associated with benzodiazepine prescription by local health services in Coronel Fabriciano, Minas Gerais State, Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Karleyla Fassarela Firmino

    2011-06-01

    Full Text Available O uso inadequado de benzodiazepínicos é observado em diversos países. Este estudo transversal avaliou os fatores associados à prescrição de benzodiazepínicos para os usuários do Serviço Municipal de Saúde de Coronel Fabriciano, Minas Gerais, Brasil. A coleta de dados foi feita a partir da notificação das receitas (n = 1.866, entre setembro e outubro de 2006. Análises bivariada e multivariada, utilizando regressão de Poisson, foram executadas. O uso prolongado de benzodiazepínicos foi associado independentemente com o tipo de benzodiazepínico prescrito e cadastro em programas de saúde. O uso concomitante de outros psicofármacos foi associado independentemente com a idade e cadastro nos programas de saúde. O tipo de benzodiazepínico utilizado (Diazepam ou Clonazepam esteve independentemente associado com a idade e sexo dos pacientes, bem como, com a participação em programas de saúde. Os fatores associados à prescrição de benzodiazepínicos evidenciam a amplitude do problema e devem ser considerados no planejamento de intervenções para a racionalização da utilização desses medicamentos no município, particularmente na organização dos programas de saúde.Numerous countries have witnessed increasing misuse of benzodiazepines. This cross-sectional study assessed the factors associated with prescription of benzodiazepines for users of the Municipal Health Service in Colonel Fabriciano, Minas Gerais State, Brazil. Data were collected from official records on drug prescription (n = 1,866 from September to October 2006. Bivariate and multivariate analyses using Poisson regression were performed. Prolonged benzodiazepine use was independently associated with benzodiazepine type and patient participation in health programs. Concomitant use of other psychoactive drugs was independently associated with age and participation in health programs. Type of benzodiazepine (clonazepam or diazepam was independently associated with

  18. Cobertura e fatores associados à realização do exame de detecção do câncer de colo de útero em área urbana no Sul do Brasil: estudo de base populacional Cervical cancer screening coverage and associated factors in a city in southern Brazil: a population-based study

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Simone Iara Gasperin

    2011-07-01

    Full Text Available A cobertura do teste de Papanicolaou e fatores associados foram investigados entre mulheres de 20 a 59 anos de idade, residentes na área urbana de Florianópolis, Santa Catarina, Brasil. Foi realizado estudo transversal de base populacional com amostra aleatória por conglomerados. Examinaram-se dois desfechos: realização do Papanicolaou em algum momento na vida e exames em atraso (período maior que três anos desde o último teste ou nunca realizado. Entre 952 mulheres entrevistadas, 93% (IC95%: 91,5-94,7 realizaram o teste pelo menos uma vez na vida e 14% (IC95%: 11,8-16,2 estavam com o procedimento em atraso. Por meio da regressão de Poisson, constatou-se que estado civil, escolaridade, doenças crônicas autorreferidas e consulta médica foram fatores significativamente associados com ambos os desfechos. Idade, renda e internação hospitalar no último ano estiveram associadas somente com a realização do Papanicolaou na vida. A cobertura do teste de Papanicolaou foi elevada, porém existem disparidades socioeconômicas e demográficas, além do predomínio do rastreamento oportunístico.This study focused on coverage of screening for cervical cancer and associated factors in women 20 to 59 years of age in Florianópolis, Santa Catarina State, Brazil, in 2009. This was a cross-sectional study using cluster random sampling. Two outcomes were examined: a history of at least one Papanicolaou test and delaying the test (never performed or performed more than three years previously. Among 952 women, 93% (95%CI: 91.5-94.7 had ever had a Pap smear, whereas 14% (95%CI: 11.8-16.2 had delayed the test. According to Poisson regression, both outcomes were associated with marital status, schooling, presence of chronic disease, and consulting a physician for other reasons. Age, income, and hospitalization in the previous year were only associated with ever having a Pap smear. Although test coverage was high, much of the screening was opportunistic

  19. Prevalência de fatores de risco e proteção para doenças crônicas nas capitais do Brasil - principais resultados do Vigitel 2010 Protection from chronic diseases and the prevalence of risk factors in Brazilian state capitals - main results from Vigitel 2010

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Betine Pinto Moehlecke Iser

    2012-09-01

    Full Text Available OBJETIVO: descrever os principais fatores de risco e proteção para doenças crônicas com dados do inquérito telefônico de 2010. METODOLOGIA: entrevistas telefônicas realizadas em amostra probabilística dos adultos residentes nas capitais do Brasil e Distrito Federal com telefone fixo residencial. As prevalências foram estratificadas por sexo, idade e escolaridade. RESULTADOS: Foi verificado alto consumo de refrigerantes (28%, de carne com gordura (46% e de consumo abusivo de álcool (18%, e baixo consumo de frutas e hortaliças (18% e de atividade física no lazer (15%. Aproximadamente metade da população referiu ter excesso de peso e não se proteger da radiação solar. A inatividade física e o tabagismo atingem cerca de 15% dos adultos. Fatores de risco foram mais prevalentes em homens, adultos jovens e de menor escolaridade. CONCLUSÃO: os resultados apontam diferentes comportamentos em saúde da população segundo características sociodemográficas. Essa variabilidade deve ser considerada nas ações de promoção de saúde.PURPOSE: To describe protection from chronic diseases and the prevalence of risk factors with data from a telephone survey in 2010. METHODS: Telephone interviews in a random sample of adults living in Brazilian state capitals and the Federal District with residential landline telephones. The prevalence of these factors was stratified by sex, age and level of education. RESULTS: High prevalence of soft drink consumption (28.1%, fatty meat consumption (34.2%, and alcohol abuse (18% and low fruit and vegetable intake (18% and leisure time physical activity (15% was verified. Approximately half the population was overweight and reported no sun protection practices. Physical inactivity and smoking afflicted almost 15% of adults. In general, risk factors were more prevalent in men, predominantly young adults with lower education levels. CONCLUSION: The results revealed differing health behavior according to socio

  20. Influência de fatores sociossanitários na qualidade de vida dos idosos de um município do Sudeste do Brasil The influence of sociosanitary conditions on the quality of life of the elderly in a municipality in the Southeast of Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Renata Junqueira Pereira

    2011-06-01

    Full Text Available Este estudo teve como objetivo avaliar as condições sociossanitárias e o impacto das delas na qualidade de vida de idosos residentes no município de Teixeiras (MG, na região Sudeste do Brasil. Foram aplicados dois questionários: um criado especificamente para caracterizar a população quanto às características sociossanitárias, e o WHOQOL-bref para avaliar a qualidade de vida. A associação entre as características sociossanitárias e os escores de qualidade de vida foi analisada por meio de análises de regressão logística. Dentre as variáveis mais fortemente associadas aos escores de qualidade de vida destacaram-se: utilização de medicamentos, necessidade de cuidados médicos, ausência de cobertura por plano de saúde privado, presença de comorbidades, problemas do sono e aposentadoria. Os resultados do estudo apontam os fatores sociossanitários citados como fatores de risco para baixos escores de qualidade de vida no idoso, o que deve ser considerado ao se estabelecerem estratégias e políticas voltadas a esse grupo populacional.This study sought to evaluate sociosanitary conditions and their impact on the quality of life of the elderly living in the Teixeiras Municipality in the Southeast Region (MG of Brazil. Two questionnaires were used: one created specifically to characterize the population in terms of sociosanitary conditions, and WHOQOL-bref, to evaluate quality of life. The correlation between the sociosanitary conditions and quality of life scores were analyzed by logistic regression analysis. Among the variables with a strong correlation with quality of life scores the following stand out: use of medication, need of medical care, lack of private health insurance, comorbidities, sleep problems, and retirement. The results of this study indicate that sociosanitary conditions are high risk factors for low quality of life scores in the elderly. This must be taken into consideration to establish health strategies and

  1. Estudo de base populacional dos fatores associados à incapacidade funcional entre idosos na Região Metropolitana de Belo Horizonte, Minas Gerais, Brasil A population-based study on factors associated with functional disability among older adults in the Great Metropolitan Belo Horizonte, Minas Gerais State, Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Karla C. Giacomin

    2008-06-01

    Full Text Available O objetivo deste trabalho foi determinar os fatores associados à incapacidade funcional entre idosos na Região Metropolitana de Belo Horizonte, Minas Gerais, Brasil. O modelo teórico adotado foi baseado em características predisponentes (sócio-demográficas, fatores extra-individuais (apoio social, uso de serviços de saúde e intra-individuais (condições de saúde. Participaram do estudo 1.786 idosos (> 60 anos selecionados por meio de amostra probabilística. A variável dependente foi a incapacidade funcional, definida como incapacidade leve ou moderada (alguma dificuldade e grave (total dependência para realizar atividades da vida diária. A prevalência da incapacidade foi de 16% (8% leve e 8% grave. Idade e pior auto-avaliação da saúde apresentaram associações positivas e independentes com ambos os níveis de incapacidade. Hipertensão e artrite apresentaram associações com incapacidade leve ou moderada, enquanto diabetes e acidente vascular cerebral apresentaram associações com incapacidade grave. Associação negativa com incapacidade grave foi observada para visita de amigos nos últimos trinta dias. Esses resultados mostram que as condições crônicas associadas à incapacidade na população estudada são passíveis de prevenção e que o apoio social externo à família é menor em idosos com incapacidade grave.This study assessed factors associated with functional disability in old age in Greater Metropolitan Belo Horizonte, Minas Gerais State, Brazil. The theoretical model was based on predisposing (socio-demographic, extra-individual (social support, use of health services, and intra-individual factors (health conditions. The study was conducted in a probabilistic sample of 1,786 subjects aged > 60 years. The dependent variable was disability defined as mild (some difficulty or severe (total dependence in performing at least one basic activity of daily living. Prevalence of disability was 16% (8% mild; 8% severe

  2. Consumo regular de frutas e hortaliças por estudantes universitários em Rio Branco, Acre, Brasil: prevalência e fatores associados Regular consumption of fruits and vegetables by university students in Rio Branco, Acre State, Brazil: prevalence and associated factors

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Alanderson Alves Ramalho

    2012-07-01

    Full Text Available Estudo transversal com universitários realizado para analisar a prevalência e os fatores associados ao consumo regular de frutas e hortaliças por acadêmicos de uma universidade pública federal de Rio Branco, Acre, Brasil. Foram investigados 863 estudantes de cursos de graduação em 2010. A prevalência geral de consumo regular de frutas e hortaliças foi de 14,8%. Os fatores associados ao consumo regular de frutas e hortaliças foram: pertencer à classe econômica A/B (RP = 1,70; IC95%: 1,10-2,62, conviver com companheiro(a (RP = 1,53; IC95%: 1,02-2,29, praticar atividade física (RP = 1,69; IC95%: 1,11-2,56 e consumo de fast food igual ou menor que 2 vezes na semana (RP = 1,49; IC95%: 1,04-2,13. Em conclusão, destaca-se que a minoria dos acadêmicos alcançou a recomendação de consumir frutas e hortaliças em 5 dias ou mais da semana. O consumo regular desses alimentos mostrou-se associado aos aspectos socioeconômicos e aos hábitos saudáveis relacionados à prática de atividade física e baixo consumo de fast food.This cross-sectional study with university students examined the prevalence of regular consumption of fruits and vegetables and associated factors among students at a Federal university in Rio Branco, Acre State, Brazil. 863 undergraduates were interviewed in 2010. Overall prevalence of regular consumption of fruits and vegetables was 14.8%. Factors associated with regular consumption of fruits and vegetables were: socioeconomic classes A and B (PR = 1.70; 95%CI: 1.10-2.62, living with a partner (PR = 1.53; 95%CI: 1.02-2.29, regular physical activity (PR = 1.69; 95%CI: 1.11-2.56, and consumption of fast food twice a week or less (PR = 1.49; 95%CI: 1.04-2.13. A minority of the students met the recommendation to consume fruits and vegetables 5 or more days a week. Regular fruit and vegetable consumption was associated with socioeconomic status and healthy habits such as physical exercise and low consumption of fast food.

  3. Fatores associados à realização da prevenção secundária do câncer de mama no Município de Maringá, Paraná, Brasil Factors associated with secondary breast cancer prevention in Maringá, Paraná State, Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Jéssica Carvalho de Matos

    2011-05-01

    Full Text Available Este estudo analisou a prevalência e os fatores associados à realização da prevenção secundária do câncer de mama em mulheres de 40-69 anos do Município de Maringá, Paraná, Brasil. Realizou-se um estudo exploratório de corte transversal, tipo inquérito populacional, no Município de Maringá. A prevalência observada de realização do autoexame das mamas foi de 64,5%, do exame clínico das mamas, 71,5%, e de mamografia, 79%. Os fatores que influenciaram na realização dessas ações foram: idade, escolaridade, raça, classe econômica, religião e realização de terapia hormonal. A classe econômica e a escolaridade influenciaram significativamente na realização das práticas preventivas, ou seja, quanto maior o nível socioeconômico, maior a realização. A orientação e realização das práticas preventivas devem estar ao alcance de todas as mulheres na faixa etária de maior risco, diminuindo, dessa maneira, o diagnóstico tardio e mortes desnecessárias e aumentando as chances de cura do câncer de mama.This study analyzed the prevalence of secondary breast cancer prevention and associated factors in women 40 to 69 years of age in Maringá, Paraná State, Brazil. Prevalence was 64.5% for breast self-examination, 71.5% for clinical examination, and 79% for mammography. The data suggest that age, schooling, ethnicity, socioeconomic status, religion, and prior hormone replacement therapy influenced the rates of the three types of examination. Preventive practices were significantly more common among women of higher socioeconomic status. Proper orientation and performance of preventive measures and tests should be at the reach of all women in the highest-risk age bracket, thereby decreasing late diagnosis and avoidable deaths and increasing the odds of curing breast cancer.

  4. Redes sociais, perfil empreendedor e trajetórias

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Victor Silva Corrêa

    2014-03-01

    Full Text Available Neste artigo, enfoca-se a trajetória dos empreendedores oriundos de camadas de baixa renda, que se projetaram no mundo empresarial. Sua base teórica advém da literatura sobre as redes sociais e o embeddedness, associada àquela sobre os atributos empreendedores. As evidências empíricas fazem parte do resultado de uma pesquisa qualitativa exploratória, derivada dos estudos de caso múltiplos holísticos, realizados com dois empreendedores localizados no município de Belo Horizonte, em Minas Gerais, Brasil. A metodologia contou com os recursos provenientes da sociometria longitudinal, o que tornou possível a identificação e a visualização do padrão de evolução das redes, além da verificação de seus momentos principais de transição. Os resultados evidenciam que o desenvolvimento dos empreendedores deve-se a uma interação positiva entre os recursos disponíveis nas redes sociais, que eles conseguiram acessar e alavancar ao longo do tempo, e, ao mesmo tempo, a presença de certos atributos pessoais.

  5. Duração do aleitamento materno em menores de dois anos de idade em Itupeva, São Paulo, Brasil: há diferenças entre os grupos sociais? Breast feeding duration in children under two years of age in Itupeva, São Paulo, Brazil: are there differences among social groups?

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Elizabeth Fujimori

    2010-03-01

    Full Text Available OBJETIVOS: conhecer a duração do aleitamento materno (AM total e os determinantes associados à sua interrupção segundo perfis de reprodução social das famílias (formas de trabalhar e viver, fundamentados na teoria da determinação social do processo saúde-doença. MÉTODOS: estudo transversal conduzido em uma amostra de 261 crianças menores de dois anos, residentes em Itupeva, São Paulo, Brasil. A partir de uma base teórico-metodológica-operacional compuseramse três grupos sociais homogêneos (GSH segundo semelhantes formas de trabalhar e de viver. A duração do AM total foi estimada com a técnica de tábuas de vida. O teste de Wilcoxon foi empregado para identificar associação entre as variáveis categóricas na análise bivariada. Para análise múltipla, as variáveis associadas com a duração mediana do AM (pOBJECTIVE: based on the theory of social determination of the health-disease process, the objective of this study was to know the duration of overall breast feeding and the factors associated with its interruption, according to the social reproduction profiles of the families (ways of living and working. METHODS: this is a cross-sectional study carried out with a representative sample of 261 children under two years of age, living in Itupeva city, Sao Paulo, Brazil. From a theoretical-methodologicaloperational basis, three social homogeneous groups (GSH were established, according to similar conditions of working and living. Overall breast feeding duration was calculated from survival tables. Variables with p<0.20 in bivariate Wilcoxon test were then introduced in multiple Cox Regression model in order to find associated aspects to the breast feeding duration. RESULTS: the breast feeding duration medians of the 3 GSH were 6.7 months, 7.1 months and 9.9 months, with no statistically significant difference (p=0.31. The multivariate analysis showed that the sequence of birth (p=0.018, pacifier use (p<0.001 and bottle

  6. Nós e a gente no português falado culto do Brasil Nós and a gente in standard spoken Brazilian Portuguese

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Célia Regina dos Santos LOPES

    1998-01-01

    Full Text Available Este trabalho analisa a variação de nós e a gente na posição de sujeito. Com base nos princípios da Sociolingüística Quantitativa Laboviana foram identificados os fatores lingüísticos e sociais com o objetivo de explicar a diferente distribuição destas formas. O estudo focaliza o uso de falantes cultos das três principais regiões geográficas do Brasil: Rio de Janeiro (Sudeste, Porto Alegre (Sul e Salvador (Nordeste.An analysis of the variation nós and a gente in subject position is presented. Using the framework of Labovian Quantitative Sociolinguistics, social and linguistic factors were identified in order to explain the different distribuitions of these forms. The study focused the use of educated speakers of three main geographical regions of Brasil: Rio de Janeiro (Southeastern area, Porto Alegre (Southern area and Salvador (Northeastern area.

  7. Fatores de risco associados à gravidade e óbitos por influenza durante a Pandemia de Influenza A (H1N1 2009 em região tropical/semi-árida do Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Daniele Rocha Queiroz Lemos

    2015-06-01

    Full Text Available Introdução: O vírus da Influenza A (H1N1 2009 pdm tornou-se uma cepa sazonal da gripe a partir de 2010. Provoca doença leve na maioria dos pacientes e pequena proporção dos acometidos evolui para a forma grave da doença, necessitando de tratamento hospitalar e cuidados intensivos. Durante a pandemia de Influenza A (H1N1 2009, ainda não era conhecida a patogenicidade e virulência da nova cepa. Este fato ressalta a necessidade de estudos para determinar as características epidemiológicas, clínicas e indicadores de mortalidade, especialmente nas formas graves e óbitos. Objetivo: Identificar os fatores associados à ocorrência de gravidade e óbitos durante a pandemia de Influenza A (H1N1 2009 pdm no Ceará. Metodologia: Trata-se de uma coorte observacional, retrospectiva, dos pacientes admitidos em hospitais da capital do Ceará e detectados por meio dos casos notificados no Sistema de Informação de Agravos de Notificação (SINAN, no período pandêmico 2009-2010. Foram trabalhados os casos com diagnóstico de infecção aguda por vírus A (H1N1 por RT-PCR. Após identificado o paciente, buscou-se na unidade de hospitalização o prontuário de acompanhamento médico. Utilizou-se como instrumento para coleta de dados a APACHE II e questionário contendo dados da hospitalização, exames clínicos e laboratoriais. Após Teste Qui-quadrado, foram considerados significativos P<0,05 e IC de 95%. Resultados: Foram confirmados 40 casos graves por influenza A (H1N1 2009 pdm, com 8 (20% óbitos. Em 2010, os pacientes graves apresentaram duas vezes mais chances de serem internados na UTI e o percentual de óbitos foi 50% maior que em 2009. A letalidade foi 2,4 vezes maior entre os homens. Os pacientes com ensino fundamental completo tinham uma vez mais chances de evoluir para óbito que os pós-graduados. O tempo médio entre a data dos primeiros sintomas e o início do tratamento com Fosfato de Oseltamivir foi de 4,13 dias entre os que

  8. Prevalência e fatores de risco para asma em escolares de uma coorte no Sul do Brasil Prevalence and risk factors for asthma in schoolchildren in southern Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Moema N. Chatkin

    2005-10-01

    Full Text Available OBJETIVOS: Estudar a prevalência e fatores de risco para asma em 494 crianças pertencentes à coorte de nascidos em 1993, as quais vêm sendo acompanhadas desde o nascimento, estando, atualmente, com cerca de 6 anos de idade, em Pelotas (RS. MÉTODOS: Foi administrado um questionário padronizado com questões relativas à asma, baseadas em questionário utilizado por um estudo internacional multicêntrico (ISAAC validado em diversos países. Também obteve-se informações sobre o nível socioeconômico, fatores ambientais, hereditários, nutricionais, gestacionais, alérgicos e eventos infecciosos pregressos. RESULTADOS: A prevalência de asma encontrada foi de 12,8% (IC95%: 10-15,9%. Na análise multivariada, a asma esteve associada com cor da pele não-branca (RR = 1,9 IC95%: 1,1-3,3%, história de asma na família (RR = 2,8 IC95%:1,5-5,1, rinite alérgica na criança (RR = 2,6 IC95%:1,5-4,4 e fumo na gestação (RR = 1,7 IC95%:1-2,9. CONCLUSÃO: A asma infantil tem elevada prevalência em Pelotas, sendo um problema de saúde pública e, como tal, deve-se direcionar ações apropriadas para o seu controle.OBJECTIVE: To study the prevalence and risk factors for asthma in a cohort of 494 children born in 1993 and followed up to the age of six years in Pelotas, state of Rio Grande do Sul, Brazil. METHODS: A standardized and validated asthma questionnaire, based on the International Study of Asthma and Allergies in Childhood (ISAAC, was applied. Other information was also collected about socioeconomic background, genetic, nutritional, gestational and allergic factors, and previous infectious episodes. RESULTS: The prevalence of asthma found in this study was 12.8% (95%CI: 10-15.9%. In the multivariate analysis, risk factors such as non-white skin color (RR = 1.9 95%CI: 1.1-3.3%, family history of asthma (RR = 2.8 95%CI: 1.5-5.1, allergic rhinitis in children (RR = 2.6 95%CI: 1.5-4.4 and maternal smoking during pregnancy (RR = 1.7 95%CI: 1

  9. Compulsão alimentar e fatores associados em adolescentes de Cuiabá, Mato Grosso, Brasil Binge eating and associated factors among teenagers in Cuiabá, Mato Grosso State, Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Loreni Augusta Pivetta

    2010-02-01

    Full Text Available O episódio de compulsão alimentar é caracterizado pela ingestão de grande quantidade de alimentos em tempo delimitado acompanhada de perda de controle sobre o que/quanto se come. O estudo objetivou estimar a prevalência e os fatores associados aos episódios de compulsão alimentar. Estudo transversal com 1.209 adolescentes de 14 a 19 anos. Para o diagnóstico dos episódios de compulsão alimentar utilizou-se o Questionário sobre Padrões de Alimentação e Peso - Revisado (QEWP-R. Foi realizada análise através da regressão de Poisson com abordagem hierárquica. A prevalência de episódios de compulsão alimentar foi 24,6% (IC95%: 22,3-27,2 e os fatores que permaneceram associados foram: sexo feminino (RP = 1,93; IC95%: 1,47-2,53, idade de 15 a 18 anos (RP = 1,54; IC95%: 1,01-2,37 e 19 anos (RP = 2,60; IC95%: 1,15-5,86, uso de bebidas alcoólicas mais de três vezes por mês (RP = 1,54; IC95%: 1,03-2,33 e flutuações de peso (RP = 1,76; IC95%: 1,33-2,31. Conclui-se que a prevalência de episódios de compulsão alimentar foi alta e associada ao sexo feminino, idade, uso de bebidas alcoólicas e flutuação de peso.Binge eating means ingesting a large amount of food during a certain period of time, followed by a sensation of lack of control over what and how much has been eaten. The study aimed to estimate the prevalence of binge eating episodes and associated factors in teenagers. The cross-sectional study included 1,209 teenagers (14 to 19 years old. Diagnosis of binge eating was based on the revised Questionnaire on Eating and Weight Patterns. The analysis used Poisson regression with a hierarchical approach. Prevalence of binge eating episodes was 24.6% (95%CI: 22.3-27.2, and factors that remained associated were: female gender (HR = 1.93; 95%CI: 1.47-2.53; age 15 to 18 (HR = 1.54; 95%CI: 1.01-2.37 and age 19 (HR = 2.60; 95%CI: 1.15-5.86; alcohol consumption more than 3 times a month (HR = 1.54; 95%CI: 1.03-2.33; and current

  10. Toxoplasma gondii in goats from Curitiba, Paraná, Brazil: risks factors and epidemiology Toxoplasma gondii em caprinos de Curitiba, Paraná, Brasil: fatores de risco e epidemiologia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Guilherme Garcia

    2012-03-01

    ência encontrada foi de 39,41 e 35,96% para as técnicas ELISA e RIFI, respectivamente. A prevalência de anticorpos anti-T. gondii aumenta com a idade dos animais. Os fatores de risco para infecção por T. gondii em caprinos encontrados neste estudo são: idade acima de um ano, presença de gatos, tipo de manejo e propósito da criação. Outros fatores epidemiológicos e medidas de controle são discutidos no presente trabalho.

  11. Fatores associados à utilização do teste de Papanicolaou entre mulheres idosas no interior do Brasil Factors associated with the use of the Papanicolaou smear screening among older women in the interior of Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Mônica Cristina Marzullo de Freitas

    2012-09-01

    Full Text Available OBJETIVOS: Verificar a cobertura, pelo teste de Papanicolaou, de idosas e os fatores associados. MÉTODOS: Foi desenvolvido um estudo de base populacional com inquérito domiciliar. Os critérios de inclusão foram mulheres com 60 anos de idade ou mais, com residência na zona norte do município de Juiz de Fora, com independência para responder ao questionário ou que dispusessem de informante. A entrevista foi composta por questões sociodemográficas, referentes ao estado geral de saúde das idosas, e sobre a prática preventiva em saúde da mulher. A seleção se deu por amostragem aleatória estratificada e conglomerada em múltiplos estágios. Para a análise dos fatores de associação, elaborou-se um modelo teórico com três blocos hierarquizados de variáveis, ajustadas entre si em cada um deles. As variáveis que obtiveram nível de significância menor ou igual a 0,2 foram incluídas no modelo de regressão de Poisson e ajustadas ao nível superior ao seu (pPURPOSE: To verify the coverage, by Pap testing, of older women and the associated factors. METHODS: A population-based study was conducted by home interviews. The inclusion criteria were women aged 60 and over, living on the north side of the city of Juiz de Fora, Minas Gerais, Brazil, self-sufficient to answer the questionnaire or having someone to answer on their behalf. The interview consisted of sociodemographic questions, regarding the general health of the older women, and preventive practices in women's health. The selection was made by random sampling, stratified and clustered in multiple stages. To analyze associated factors, a theoretical model was formulated with three hierarchical blocks of variables, adjusted to each other in each block. The variables that had a level of significance of 0.2 or less were included in the Poisson regression model and adjusted to their next highest level (p<0.1. RESULTS: Pap testing occurred in 84.1% of cases (95%CI 79.0-88.4. Based on

  12. Fatores associados à saúde positiva autorreferida em jovens ativos na região nordeste, Brasil Factors associated with self-rated positive health in active young men from Sergipe state, Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Aldemir Smith-Menezes

    2013-02-01

    Full Text Available INTRODUÇÃO: A autoavaliação negativa da saúde parece estar associada a alguns tipos de neoplasias e à mortalidade na população em geral. OBJETIVO: O referido trabalho buscou verificar os fatores associados à autoavaliação positiva da saúde em jovens adultos e ativos. MATERIAIS E MÉTODOS: A amostra deste estudo, de corte transversal, foi composta por 695 rapazes, retirados da população de jovens, com 18 anos de idade, em processo de alistamento militar. As variáveis do estudo foram: classe socioeconômica, estado civil, escolaridade, trabalho, tabagismo, consumo de álcool, estresse, prática de atividade física habitual e autoavaliação da saúde. Para análise dos dados realizaram-se os testes da razão de verossimilhança e regressão logística hierarquizada. RESULTADOS: Verificou-se associação entre autoavaliação positiva da saúde com maior escolaridade (OR = 3,38; IC 95%; 1,83-6,23 e não tabagismo (OR = 3,42; IC 95%; 1,69-6,92. Na análise ajustada para as variáveis sociodemográficas - escolaridade (mais que oito anos de estudo (OR = 3,05; IC 95%; 1,63-5,73 e não ser fumante (OR = 3,03; IC 95%; 1,47-6,25, permaneceram associados à autoavaliação positiva da saúde. CONCLUSÃO: Os achados apontam para a necessidade de enfatizar outros fatores comportamentais associados à autoavaliação da saúde em jovens do sexo masculino.INTRODUCTION: Self-reported positive health seems to be associated with various factors in the general population. Among active men, the association with such traits seems to be unclear. OBJECTIVE: This work has aimed to verify the factors associated with self-reported positive health in active young men. Material and METHODS: cross sectional research was carried out with a sample of 695 male conscripts, taken from the male population (age of 18 years, in the mandatory army enlisting process. The study variables were: socioeconomic status, marital status, education, work, smoking, alcohol

  13. Fatores associados à coinfecção tuberculose e HIV: o que apontam os dados de notificação do Estado do Amazonas, Brasil, 2001-2012

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Evela da Silva Magno

    Full Text Available A tuberculose (TB em pessoas vivendo com HIV (PVHIV é a maior causa infecciosa de morte relacionada à AIDS. O objetivo deste trabalho foi estimar a prevalência da coinfecção TB/HIV, avaliar a notificação dos dois agravos de maneira temporal, por meio de relacionamento de bases de dados, e buscar fatores associados às notificações de AIDS e TB. A prevalência de coinfecção TB/HIV foi de 7,7%. O grupo de PVHIV com posterior diagnóstico de TB foi o mais representativo, apesar de medidas preventivas disponíveis. A subnotificação de TB entre os casos de AIDS foi de 35%, e 19,6% dos casos de TB poderiam ser notificados como AIDS. Para os casos de AIDS com menção de TB, residir na capital apresentou uma chance 75% maior de ser notificado no Sistema de Informação de Agravos de Notificação/Tuberculose (SINAN TB, e ter falecido aumentou em 40% a chance de registro. Dos casos de TB com menção de HIV, ser de cor parda, ter entre 25 e 39 anos, residir na capital e ter evoluído para o óbito estiveram associados à maior chance de notificação na AIDS. O linkage periódico dessas bases pode ser uma ferramenta programática poderosa para diminuir a subnotificação.

  14. Fatores de risco para câncer de mama em mulheres indígenas Teréna de área rural, Estado do Mato Grosso do Sul, Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marilana Geimba de Lima

    Full Text Available Com o objetivo de se avaliar a distribuição de fatores de risco em mulheres indígenas Teréna no Estado do Mato Grosso do Sul, duas amostras destas foram entrevistadas, respectivamente em 1995 (330 mulheres voluntárias de dez aldeias teréna de área rural e em 1997 (quarenta mulheres da Aldeia de Limão Verde. Os padrões de vida reprodutiva, dieta, antecedentes patológicos pessoais e familiares foram levantados, bem como a determinação do índice de massa corporal (IMC. Na maior amostra, observou-se que a idade média à menarca foi de 12,3 anos (30% das mulheres referindo-a aos 13 anos ou mais, 86% das mulheres com antecedentes de uma ou mais gestações (42% com cinco ou mais, 71% com antecedentes de três ou mais gestações, idade média à primeira gestação de 18,9 anos (3.8% com 28 anos ou mais, aleitamento materno com duração média de 84 meses, e 70% das mulheres menopausadas antes dos cinqüenta anos de idade. O padrão referido de dieta na menor amostra revela elevado consumo de frutas, legumes, raízes e macarrão, com ingestão escassa de carne vermelha e frango, observando-se que 50% (IC 95%: 34.1-65.9 das mulheres apresentaram sobrepeso (IMC 25-29 e 27% (IC 95%: 15.1-44.1 obesidade (IMC > 29.

  15. Fatores associados à infecção pelo HIV/AIDS entre adolescentes e adultos jovens matriculados em Centro de Testagem e Aconselhamento no Estado da Bahia, Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Bianca de Souza Pereira

    2014-03-01

    Full Text Available O estudo procura investigar fatores associados à infecção pelo HIV entre adolescentes e adultos jovens, registrados no Centro de Testagem e Aconselhamento/CTA de Feira de Santana, Bahia. Estudo analítico com delineamento transversal, utilizando dados do Sistema de Informação do CTA (SI-CTA no período de 2007 a 2011. Foram processadas informações de 3.768 indivíduos, sendo verificada a diferença de proporções, com Qui-quadrado de Pearson e análise estratificada, através da Razão de Prevalência/RP, com Intervalos de Confiança de 95%, considerando como desfecho o status sorológico. No período estudado, 73 jovens estavam infectados pelo HIV (1,94%. Na população feminina, foram identificadas associações, estatisticamente significantes, para soropositividade e consumo de drogas, consumo de bebidas alcoólicas e outras drogas; estar casada ou em união estável. No sexo masculino, associaram-se com a soropositividade o consumo de outras drogas e orientação homossexual/bissexual. Em ambos os sexos, na categoria com parceiro estável, a soropositividade mostrou associação com companheiro usuário de drogas e/ou portador de DST e/ou HIV. Esses achados sinalizam a necessidade de medidas eficazes no controle e prevenção da infecção pelo HIV, entre jovens.

  16. Prevalência e fatores associados à infecção pelo Mycobacterium tuberculosis entre agentes comunitários de saúde no Brasil, usando-se a prova tuberculínica

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Wesley Pereira Rogerio

    2015-10-01

    Full Text Available Resumo Este artigo tem por objetivo determinar a prevalência e os fatores associados à infecção latente pelo Mycobacterium tuberculosis entre agentes comunitários de saúde (ACS, usando dois pontos de corte da prova tuberculínica 5mm e 10mm. Trata-se de estudo transversal, com dados coletados sobre sexo, idade, cicatriz de BCG, prova tuberculínica (PT anterior, tempo que trabalha na profissão de ACS, atuar em unidade básica de saúde (UBS, ter tido contato intradomiciliar com tuberculose (TB, usar álcool, ser fumante e apresentar comorbidades. Para controle de variáveis de confusão e estimativa da medida de efeito (OR, foi empregada a regressão logística. Aplicou-se PT, com leitura após 48-72 horas. As prevalências foram de 57,88% e 37,3%, respectivamente, para 5mm e 10mm. Manteve-se associada à positividade para o ponto de corte de 10mm a condição de trabalhar em UBS com Programa de Controle de Tuberculose (PCT implementado e já ter tido contato intradomiciliar com TB. Já para o ponto de corte de 5mm, trabalhar em UBS com PCT e implementado. São necessárias ações de conscientização nos municípios e fortalecimento das ações de educação permanente sobre a temática.

  17. Prevalência e fatores associados à prática da episiotomia em maternidade escola do Recife, Pernambuco, Brasil Prevalence and factors associated with practice of episiotomy at a maternity school in Recife, Pernambuco, Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cynthia Coelho Medeiros de Carvalho

    2010-01-01

    Full Text Available OBJETIVO: Determinar a prevalência e fatores associados à realização de episiotomia em centro de referência de Pernambuco. MÉTODOS: Estudo retrospectivo, tipo corte transversal, no período de janeiro a dezembro de 2006 com 495 mulheres (escolhidas de uma população total de 2564 submetidas a parto normal na Maternidade Professor Monteiro de Moraes do Centro Integrado de Saúde Amaury de Medeiros (CISAM da Universidade de Pernambuco. Os fatores avaliados foram aspectos que antecederam o parto, características do trabalho de parto e resultados perinatais. Para verificar associação entre as variáveis preditoras e realização da episiotomia, foram utilizados testes Qui quadrado, exato de Fisher e T de Student, quando pertinentes, a um nível de significância de 5%. A razão de prevalência e intervalo de confiança a 95% foram calculados, além da análise de regressão logística. RESULTADOS: A prevalência de realização de episiotomia foi de 29,1% (n=144. Após análise bivariada, encontrou-se associação significativa da episiotomia com adolescência (RP 1,74; IC95% 1,33-2,28, idade superior a 35 anos (RP 0,35; IC95% 0,14-0,90, primiparidade (RP 4,73; IC95% 3,33-6,71, ausência de parto vaginal prévio, grupo que inclui além das primíparas pacientes que foram submetidas a parto cesariano em gestação anterior (RP 5,44; IC95% 3,67-8,06 e doenças associadas no momento do parto (RP 1,71; IC95% 1,30-2,25. Não foi encontrada relação significativa com idade gestacional no parto, duração do trabalho de parto acima de seis horas (tempo médio da fase ativa do trabalho de parto, período expulsivo maior que 30 minutos (considerado prolongado, uso de misoprostol ou ocitocina, alterações da frequência cardíaca fetal, presença de mecônio, turno de realização do parto (noturno ou diurno, índice de Apgar, no primeiro e quinto minutos e peso do recém- nascido. A presença de lacerações perineais foi maior no grupo n

  18. Cultura Politica e Movimentos Sociais

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cibele Maria Lima Rodrigues

    2012-04-01

    Full Text Available

    O artigo tem por objetivo aplicar o conceito de cultura política ao estudo dos movimentos sociais. Trata-se de uma discussão teórica, mas se baseia em pesquisas realizadas com os movimentos que lutam por moradia.
    Nossa abordagem é baseada nos pressupostos de Stuart Hall, Laclau e Mouffe, especialmente os conceitos de cultura, tradição e hegemonia. Nessa discussão,
    estamos propondo o conceito de tradição dos revolucionários, considerando a definição de ação coletiva de Mutzenberg. Esta tradição é definida como
    um imaginário político que se constitui a partir da memória coletiva das lutas sociais e seus projetos de emancipação, tal como definiu Marx.

  19. Prevalência e fatores associados a sobrepeso e obesidade em adolescentes de 15 a 19 anos das regiões Nordeste e Sudeste do Brasil,1996 a 1997 Prevalence of overweight and obesity and associated factors among adolescents in the Northeast and Southeast regions of Brazil, 1996 to 1997

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Vera Cristina Magalhães

    2003-01-01

    Full Text Available O estudo objetivou avaliar a prevalência de sobrepeso e obesidade (S/O e fatores associados, em adolescentes de duas regiões do Brasil, segundo o Índice de Massa Corporal. Baseou-se nos dados da Pesquisa sobre Padrões de Vida, inquérito domiciliar realizado pelo IBGE (1998a, entre 1996 e 1997, nas regiões Nordeste e Sudeste do Brasil e incluiu 1.027 e 854 adolescentes de 15 a 19 anos, respectivamente. A análise estatística considerou os fatores de expansão e o desenho da amostra. A prevalência de S/O foi de 8,45% no Nordeste e 11,53% no Sudeste. No Nordeste, observou-se maior risco de S/O para meninas (RP = 3,00, na área urbana (RP = 3,21 e na rural (RP = 2,27. Observou-se menor risco de S/O para meninas do Sudeste (RP = 0,58, também na área urbana (RP = 0,51, mas não na rural (RP = 1,86. O aumento da renda per capita domiciliar mensal se associou ao risco de S/O em meninos do Nordeste (chi2 de tendência linear: p = 0,002 e Sudeste (chi2 de tendência linear: p = 0,006. Concluiu-se a necessidade de programas de prevenção a S/O que incluam reeducação alimentar e estímulo à atividade física, considerando as diferenças sócio-econômicas e culturais regionais da população alvo.The purpose of this study was to assess the prevalence and factors associated with overweight and obesity (OW/O among Brazilian adolescents, based on the Living Standards Survey conducted in 1996 and 1997 (IBGE, 1998a. The sample included 1,027 and 854 adolescents aged 15 to 19 years from the Northeast and Southeast regions, respectively. Body Mass Index (w/h2 was calculated. Statistical analysis considered expansion factors and sample design. Prevalence of OW/O was 8.45% in the Northeast and 11.53% in the Southeast. In the Northeast there was a higher risk of OW/O for girls (PR = 3.00, with the same situation in both urban (PR = 3.21 and rural areas (PR = 2.27. In the Southeast, the risk of OW/O was lower among girls (PR = 0.58. The same situation

  20. Ano Brasil. Brasil ?

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Sandra Jatahy Pesavento

    2005-06-01

    Full Text Available 2005, Ano Brasil na França. E, para assinalar a data, o prestigioso Grand Palais de Paris abriga Brésil indien, uma exposição que se propõe a combater os clichês. Perguntaria o visitante, curioso: clichês sobre o Brasil?  Não, sobre os povos indígenas, que hoje correspondem a 0,3% da população brasileira, informa o primeiro cartaz explicativo já desde o início do percurso. Uma exposição que se anuncia para dar a ver e sentir uma experiência estética construída como visão de mundo, complement...

  1. Análise multivariada de fatores de risco para o baixo peso ao nascer em nascidos vivos do município de São Paulo, SP (Brasil Multivariate analysis of risks factors for low birthweight in livebirths in the city of S. Paulo, SP (Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria Helena D'Aquino Benicio

    1985-08-01

    Full Text Available Em casuística de 20.850 nascidos vivos não gemelares ocorridos em 31 maternidades do Município de São Paulo, SP, Brasil (parte da casuística total do Estudo Antropométrico do Recém-nascido Brasileiro, procurou-se identificar fatores de risco para o baixo peso ao nascer (peso An investigation, as part of a national study on anthropometric characteristics of livebirths, was carried out on 20,850 single livebirths born in 31 maternity hospitals in S. Paulo, Brazil, into risk factors for low birth weight (weight less than 2,501 gr.. The following factors were studied: maternal schooling, marital status, maternal age, parity, prepregnancy weight, smoking during pregnancy and prenatal care. Through multivariate analyses using log linear models, four significative risk factors for low birth weight were identified: "no prenatal care", prepregnancy weight < 50 kg", "smoking during pregnancy" and "maternal age < 20 years". The relative risk for "no prenatal care" was 3.4 in mothers with 8 or more years of schooling and 2.2 in mothers with less schooling. The risks associated with prepregnancy weight, smoking and maternal age were, respectively, 1.9, 1.7 and 1.4 and were found to be independent of maternal schooling. Considering simultaneously risks, magnitude and frequency of the risk factors in the population, it is evident that prepregnancy weight, smoking during pregnancy and prenatal care particularly for mothers with low socio-economic level, are factors whose control would result in considerable decrease in low birth weight incidence and, for that reason, they should be carefully considered by health intervention programs.

  2. Prevalência e fatores associados à ocorrência da dor de dente que impediu a realização de tarefas habituais em uma população de funcionários públicos no Rio de Janeiro, Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Gisele Caldas Alexandre

    2006-05-01

    Full Text Available Nesse estudo, objetivou-se estimar a prevalência da dor de dente que impedisse a realização de tarefas habituais e testar sua associação com fatores sócio-econômicos, transtornos mentais comuns, número de dentes perdidos e padrão de visita ao dentista. Realizou-se estudo transversal, com questionário autopreenchível, aplicado em 4.030 funcionários de uma universidade no Rio de Janeiro, Brasil ­ Estudo Pró-Saúde. As análises foram conduzidas por meio de regressão logística multivariada. A prevalência da dor de dente que impediu a realização de tarefas habituais, nas duas semanas que antecederam o preenchimento do questionário, foi de 2,9% (IC95%: 2,5-3,6. Ser do sexo masculino (OR = 1,6; IC95%: 1,1-2,4, apresentar transtorno mental comum (OR = 1,7; IC95%: 1,2-2,6, ter perdido muitos dentes (OR = 3,4; IC95%: 1,5-7,8 e não visitar o dentista para uma revisão de rotina (OR = 2,5; IC95%: 1,8-17,3, aumentaram a chance de ter tido dor de dente. A dor de dente foi um problema importante nessa população. Circunstâncias desfavoráveis de vida e não visitar o dentista para uma revisão de rotina aumentaram as chances de ter dor de dente.

  3. Prevalência e fatores associados à ocorrência da dor de dente que impediu a realização de tarefas habituais em uma população de funcionários públicos no Rio de Janeiro, Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Alexandre Gisele Caldas

    2006-01-01

    Full Text Available Nesse estudo, objetivou-se estimar a prevalência da dor de dente que impedisse a realização de tarefas habituais e testar sua associação com fatores sócio-econômicos, transtornos mentais comuns, número de dentes perdidos e padrão de visita ao dentista. Realizou-se estudo transversal, com questionário autopreenchível, aplicado em 4.030 funcionários de uma universidade no Rio de Janeiro, Brasil - Estudo Pró-Saúde. As análises foram conduzidas por meio de regressão logística multivariada. A prevalência da dor de dente que impediu a realização de tarefas habituais, nas duas semanas que antecederam o preenchimento do questionário, foi de 2,9% (IC95%: 2,5-3,6. Ser do sexo masculino (OR = 1,6; IC95%: 1,1-2,4, apresentar transtorno mental comum (OR = 1,7; IC95%: 1,2-2,6, ter perdido muitos dentes (OR = 3,4; IC95%: 1,5-7,8 e não visitar o dentista para uma revisão de rotina (OR = 2,5; IC95%: 1,8-17,3, aumentaram a chance de ter tido dor de dente. A dor de dente foi um problema importante nessa população. Circunstâncias desfavoráveis de vida e não visitar o dentista para uma revisão de rotina aumentaram as chances de ter dor de dente.

  4. Fatores associados à morte neonatal em recém-nascidos de muito baixo peso em quatro maternidades no Município do Rio de Janeiro, Brasil Factors associated with neonatal mortality among very low birthweight newborns in four maternity hospitals in the city of Rio de Janeiro, Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    José Luiz Muniz Bandeira Duarte

    2005-02-01

    Full Text Available Os recém-nascidos de muito baixo peso representam a grande maioria das mortes no período neonatal, constituindo o maior percentual da mortalidade infantil no Brasil. Este estudo, do tipo longitudinal, incluiu um total de 487 recém-nascidos e propôs uma análise dos fatores associados à mortalidade em recém-nascidos de muito baixo peso até completarem 27 dias de vida. Foram calculados os riscos relativos de óbito para cada uma das variáveis estudada, e as que se mostraram estatisticamente significativas foram selecionadas para o modelo multivariado, no qual se calcularam as razões de chances (OR com a regressão logística. Os fatores associados à diminuição do risco de morte foram: uso de corticosteróide antenatal (OR = 0,40; IC90%: 0,23-0,74 e uso de nutrição parenteral total (OR = 0,06; IC90%: 0,02-0,15. Os fatores associados ao risco de morte foram: recém-nascido do sexo masculino (OR = 2,19; IC90%: 1,27-4,00; hemorragia materna (OR = 4,28; IC90%: 1,27-14,46 e uso de ventilação mecânica (OR = 18,83; IC90%: 5,15-68,87; escore de CRIB (OR = 4,48; IC90%: 2,43-8,27 e peso ao nascimento. O uso de corticosteróide antenatal deve ser mais difundido, visando à diminuição da morbi-mortalidade neonatal.In Brazil, neonatal mortality is the most common cause of infant mortality. The majority of deaths occur in very low birthweight newborns. This longitudinal study assesses factors associated with mortality risk in very low birthweight newborns during the first 27 days of life. Relative risk of mortality was assessed for each variable, and the most statistically significant variables were selected for the multivariate model, in which odds ratios were calculated using logistic regression. Factors associated with decreased mortality risk were: prenatal corticosteroid (OR = 0.40; 90%CI: 0.23-0.74 and total parenteral nutrition (OR = 0.06; 90%CI: 0.02-0.15. Factors associated with increased mortality risk were: male gender (OR = 2

  5. Vigilância de fatores de risco para doenças não transmissíveis entre adolescentes: a experiência da cidade do Rio de Janeiro, Brasil Surveillance of risk factors for non-communicable diseases among adolescents: the experience in Rio de Janeiro, Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Inês Rugani Ribeiro de Castro

    2008-10-01

    Full Text Available Este trabalho apresenta métodos e resultados da implantação de sistema de vigilância de fatores de risco para doenças não transmissíveis entre adolescentes. Uma amostra (n = 1.699 probabilística de alunos de oitava série do ensino fundamental da rede pública municipal de ensino do Rio de Janeiro, Brasil, respondeu a questionário autopreenchido anônimo sobre consumo alimentar, atividade física, atividades sedentárias de lazer e consumo de cigarro. Estimativas de prevalência dos fatores de risco foram calculadas para o total da amostra e segundo sexo. Taxas de não resposta variaram de 0,2% a 13,4%. Foram observados: baixo consumo de frutas (45,8% e hortaliças (20% e 16,5% para saladas e legumes cozidos, consumo freqüente de refrigerantes (36,7%, balas e doces (46,7%, grande quantidade de horas alocadas em frente à TV, computador ou videogame (71,7% alocam pelo menos 4h/dia nestas atividades, baixa freqüência de prática regular de atividade física (40% e prevalência de 6,4% de fumantes. Meninas apresentaram menores índices de atividade física e maiores de consumo de cigarro. O sistema testado mostrou-se factível e indicou prevalências relevantes de fatores de risco para doenças não transmissíveis.This paper presents the methodology and results of the implementation of a Surveillance System for Non-Communicable Disease Risk Factors in Adolescents. A random sample of 8th-grade students (n = 1,684 enrolled in municipal schools in Rio de Janeiro, Brazil, was studied. Students were asked to complete a confidential questionnaire on food consumption, physical activity, sedentary leisure-time activities, and tobacco consumption. Prevalence estimates of risk factors were calculated for the entire sample and by gender. Non-response rates ranged from 1.1 to 8.9%. The findings included low consumption of fruits (45.8% and vegetables (20.0% and 16.5% for salads and cooked vegetables, respectively, regular consumption of soft

  6. Mother-to-child transmission of HIV: risk factors and missed opportunities for prevention among pregnant women attending health services in Goiânia, Goiás State, Brazil Transmissão vertical do HIV: fatores associados e perdas de oportunidades de intervenção em gestantes atendidas em Goiânia, Goiás, Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marília Dalva Turchi

    2007-01-01

    Full Text Available The objectives of this study were to estimate the risk of vertical HIV transmission and assess the associated factors and missed opportunities for prevention in a cohort of HIV+ pregnant women (1995-2001 treated in Goiânia, Goiás, Brazil, with follow-up of their children until 2005. Three data sources were compared: Information System on Reportable Diseases (SINAN, Information System on HIV+ Pregnant Women and Exposed Children (SISGHIV, and patient clinical charts. The study estimated the vertical transmission rates, factors associated with vertical transmission, and use of antiretroviral therapy. 276 HIV+ women were identified (322 pregnancies, and there were 70 HIV+ children. Overall risk of vertical HIV transmission was 27.8%. The vertical transmission rate was 40.8% in the group without prophylaxis and 1% in the group with adequate prophylaxis, i.e., a 97.5% reduction in transmission risk. Year of delivery, consultation with a specialist, and no history of injecting drug use were factors associated with adequate use of antiretroviral therapy. The study showed an important reduction in the risk of vertical transmission in pregnant women who received adequate therapy, besides identifying missed opportunities for prevention.Os objetivos foram estimar o risco de transmissão vertical do HIV e avaliar fatores associados e perdas de oportunidades de prevenção em coorte de gestantes HIV+ (1995-2001, atendidas em Goiânia, Goiás, Brasil, com seguimento das crianças até 2005. Foi realizada conciliação de três fontes de dados: Sistema de Informação de Agravos de Notificação (SINAN, Sistema de Informação de Gestantes HIV Positivas e Crianças Expostas (SISGHIV e prontuários médicos. Foram estimados os percentuais de transmissão vertical, fatores associados à transmissão vertical e ao uso de terapia anti-retroviral. Foram identificadas 276 mulheres HIV+ (322 gestações e os desfechos foram 70 crianças HIV+. O risco de transmiss

  7. Dislipidemias e alguns fatores de risco associados em uma população periférica da Região Metropolitana de São Paulo, SP - Brasil. um estudo piloto Lipemic disorders and some associated risk factors in a population on the outs kirts of Greater S. Paulo, SP, Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ignez Salas Martins

    1989-06-01

    Full Text Available Realizou-se levantamento da prevalência de dislipidemias e alguns fatores de risco (hipertensão, obesidade e alcoolismo, em uma população típica da periferia do Município de São Paulo, SP (Brasil. A prevalência de um ou mais fatores de risco foi maior do que 50% em todos os grupos etários. No que concerne às dislipidemias propriamente ditas, foi de aproximadamente 49%, 58% e 57% nos grupos etários de 20 a 39 anos, 40 a 59 anos e 60 anos e mais, respectivamente. A dislipidemia mais freqüente foi devido a baixos níveis de HDL-colesterol, principalmente nos mais jovens, entre 29 e 39 anos. Nos outros dois grupos etários houve prevalência maior de "outras dislipidemias". A obesidade isolada ou associada foi o fator de risco mais relevante na população estudada. Levanta-se a hipótese de que as dislipidemias podem constituir-se em grave problema de Saúde Pública nas populações periféricas da cidade de São Paulo.A survey of the prevalence of lipemic disorders and some risk factors associated with them (obesity, hypertension and alcoholism, in a representative sample of the population of 20 years of age and over in a locality typical of the peripheral zone of the Greater S. Paulo Region, Brazil, both in terms of the poverty of the population and with regard to the lack of public sources such as sewage, transport and housing, is undertaken. The following results were obtained: a the prevalence of one risk factor was of about 55%, and of two or more associated risk factors was of approximately 9% in the age group from 20 to 39. There was found to be a prevalence of about 51% and 57%, respectively of two or more associated risk factors for the age groups from 40 to 59 and 60 years of age and over; b the prevalence of lipemic disorders proper was of about 49%, 58% and 57% respectively, for the age groups of 20 to 39, 40 to 59 and 60 years of age and over. In these cases the most prevalent risk factors among men were alcoholism and

  8. Perdas fetais espontâneas e voluntárias no Brasil em 1999-2000: um estudo de fatores associados Spontaneous and voluntary fetal losses in Brazil in 1999-2000: a study of associated factors

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Carla Jorge Machado

    2013-03-01

    Full Text Available Apesar de ilegal no Brasil, cerca de 31% das gestações terminam em aborto. A maioria dos abortamentos provocados é realizada por pessoas não capacitadas, e em condições inseguras, resultando em aumento da mortalidade feminina. O presente estudo utilizou dados de uma amostra representativa de 3.047 puérperas, de 1999-2000, de corte transversal, parte de estudo multicêntrico nacional sobre soroprevalência de sífilis no Brasil. Destas, foram analisadas 1.838 puérperas com pelo menos uma gravidez anterior à gravidez de referência. Os desfechos estudados foram perdas fetais prévias (voluntária e espontânea e ausência de perda fetal prévia. A análise foi conduzida por meio de regressão logística multinomial. Os resultados indicaram alto número de perdas fetais por mulher (até seis e 31% das perdas foram voluntárias. A ausência de pré-natal, a história de DST na gravidez de referência e a ausência de filhos vivos aumentaram a ocorrência de perdas fetais. Para as perdas voluntárias, a raça/cor não branca, mais de um parceiro no ano anterior e idade precoce à primeira relação sexual também concorreram para o aumento da ocorrência. Características de vulnerabilidade destas mulheres devem ser consideradas em programas de planejamento familiar e de aconselhamento de mulheres, focalizando aquelas que já tiveram abortos, para a redução do número e consequências deste procedimento.Despite its illegality in Brazil, about 31% of all pregnancies end in abortion. Most abortions are performed by unskilled personnel and under unsafe conditions, resulting in increased female mortality. This study used data from a cross-sectional representative sample of 3,047 puerperal women, in 1999-2000, part of a national multicenter study on the prevalence of syphilis in Brazil. Of these, 1,838 women with at least one previous pregnancy before the reference pregnancy were included in the analysis. The outcomes studied were voluntary

  9. Obesidade e excesso de peso em adultos indígenas Xukuru do Ororubá, Pernambuco, Brasil: magnitude, fatores socioeconômicos e demográficos associados

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Thatiana Regina Fávaro

    2015-08-01

    Full Text Available Este estudo transversal visa a descrever a distribuição de excesso de peso e obesidade e sua associação com variáveis demográficas e socioeconômicas entre 794 adultos indígenas, de 19 a 59 anos, da etnia Xukuru do Ororubá, povo indígena cujas terras estão localizadas no Município de Pesqueira, agreste de Pernambuco, Brasil. A análise da associação entre as variáveis de desfecho, excesso de peso (IMC > 24,99kg/m2 e obesidade (> 29,99kg/m2 e as variáveis explicativas foi realizada utilizando-se regressão logística multinível. Entre as mulheres, 52,2% estavam com excesso de peso e 21% obesas. Para os homens, as prevalências foram de 44,1% e 7,5%, respectivamente. As variáveis sexo feminino e idade (> 30 anos estiveram associadas à ocorrência de ambos os agravos. Status socioeconômico e interação sexo masculino e renda per capita elevada apresentaram associação com obesidade. Assim como observado em outras populações indígenas, os achados sugerem que os Xukuru estão atravessando um acelerado processo de transição nutricional.

  10. Insegurança alimentar no Nordeste e Sul do Brasil: magnitude, fatores associados e padrões de renda per capita para redução das iniquidades

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luiz Augusto Facchini

    2014-01-01

    Full Text Available O artigo analisa a insegurança alimentar em domicílios urbanos com crianças menores de sete anos de idade. Por meio de estudo transversal localizou-se, nas áreas de abrangência de unidades básicas de saúde, 5.419 domicílios na Região Nordeste e 5.081 na Região Sul do Brasil. A insegurança alimentar foi avaliada usando-se a Escala Brasileira de Insegurança Alimentar. A prevalência de insegurança alimentar moderada ou grave foi 22,9% no Nordeste e 7,5% no Sul. Em ambas as regiões, na análise ajustada, a maior probabilidade de insegurança alimentar moderada e grave foi identificada em domicílios chefiados por mulheres, com cor da pele materna preta e parda/mestiça, com menor escolaridade materna, menor renda familiar per capita e beneficiários do Bolsa Família. A insegurança alimentar moderada ou grave seria reduzida em 59,5% no Nordeste e em 45,4% no Sul, com uma renda familiar per capita mínima de R$ 175,00 ao mês. O aumento da renda familiar dos mais pobres e a melhor focalização do Bolsa Família são essenciais para a diminuição da insegurança alimentar no país.

  11. Freqüência das malformações múltiplas em recém-nascidos na Cidade de Pelotas, Rio Grande do Sul, Brasil, e fatores sócio-demográficos associados

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Castro Martha Lopes Schuch de

    2006-01-01

    Full Text Available Este estudo visa determinar a freqüência, correlacionar possíveis agentes causais e monitorizar a ocorrência de malformações múltiplas na população de Pelotas, Rio Grande do Sul, Brasil. Abrange todos os nascimentos ocorridos entre 1990 e 2002 nas maternidades de Pelotas, com peso superior a 500g. Para cada recém-nascido malformado (caso, tomou-se um neonato vivo (controle, pareado a ele, sem malformação e de igual sexo. Formou-se um banco de dados mediante o preenchimento dos formulários-modelo ECLAMC - MONITOR edição 1982, que foram tabulados pelo programa SPSS. Para a análise estatística, utilizou-se o Teste t de Student e chi2. No período em estudo nasceram 71.500 crianças. Dentre essas, 0,11% recém-nascidos apresentaram malformações múltiplas. Foram encontrados resultados significativos para o peso, gemelaridade e nascimento, a etnia dos antepassados, a idade paterna, o número de abortos e natimortos prévios. Em Pelotas, a ocorrência de recém-nascidos que apresentavam malformações ao nascer, no período do estudo, foi de 1,37%. A freqüência de recém-nascidos com malformações múltiplas é de 8,1%, predominantemente no sexo feminino e nos nascimentos ocorridos no inverno.

  12. Prevalência de fatores de risco cardiovascular em trabalhadores de uma indústria brasileira Prevalencia de factores de riesgo cardiovascular en trabajadores de una industria brasileña Prevalence of cardiovascular risk factors in a population of Brazilian industry workers

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Roberta Soares Lara Cassani

    2009-01-01

    Full Text Available FUNDAMENTO: Determinar os fatores de risco cardiovascular é essencial para a prevenção primária e secundária das doenças do aparelho circulatório. OBJETIVO: Obter a prevalência de fatores de risco cardiovascular em uma população de industriários no Brasil. MÉTODOS: Estudo transversal em uma coorte com entrevista sociodemográfica para identificação de fatores de risco cardiovascular, medidas antropométricas e de pressão arterial e coleta de sangue capilar para dosagem de glicose, colesterol e triglicérides em funcionários de ambos os sexos de indústria alimentícia. RESULTADOS: Avaliaram-se 1.047 funcionários, sendo 913 (87% do sexo masculino, com idade média de 36 ± 8 anos. A freqüência de sedentarismo foi de 83% e de sobrepeso de 63%. Hipertensão arterial foi identificada em 28% dos indivíduos e 45% estavam na faixa de pré-hipertensão. Alteração de glicose capilar foi detectada em 49% dos participantes, colesterol elevado em 7% e triglicérides em 11% da população. Os valores de índice de massa corpórea não se associaram à renda, mas houve relação inversa com nível de escolaridade. CONCLUSÃO: Sobrepeso e sedentarismo são os principais fatores de risco cardiovascular em população de industriários.FUNDAMENTO: Determinar los factores de riesgo cardiovascular es esencial para la prevención primaria y secundaria de las enfermedades del aparato circulatorio. OBJETIVO: Obtener la prevalencia de factores de riesgo cardiovascular en una población del sector industrial en Brasil. MÉTODOS: Estudio transversal en una cohorte con entrevista sociodemográfica para identificación de factores de riesgo cardiovascular, medidas antropométricas y de presión arterial y colecta de sangre capilar para dosificación de glucosa, colesterol y triglicéridos en funcionarios de ambos sexos de una industria alimenticia. RESULTADOS: Se evaluaron a 1.047 funcionarios, 913 (87% del sexo masculino, con edad promedio de 36

  13. Fatores ambientais e genéticos sobre o crescimento ao ano e ao sobreano de bovinos Nelore, criados no Nordeste do Brasil Environmental and genetic effects on yearling and post-yearling weights of Nellore calves in Northeast Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Stefano Biffani

    1999-01-01

    Full Text Available Os dados de crescimento relativos a 2004 animais da raça zebuína Nelore, criados nos Estados do Ceará e do Piauí, foram usados para estudar a influência de fatores ambientais e estimar a herdabilidade das características peso aos 365 (ano e 550 dias (sobreano de idade. Os componentes de variância foram estimados pelo método da Máxima Verossimilhança Restrita. Na análise da variância foi usado um modelo que incluiu os efeitos fixos de sexo, ano, estação e rebanho de nascimento, a idade da mãe como covariável e o efeito aleatório de touro dentro de rebanho. Os efeitos fixos foram significativos para todas as características avaliadas. As médias ajustadas para esses efeitos foram: 186,16 ± 2,74 kg e 244,06 ± 5,23 kg, para os pesos aos 365 e 550 dias de idade, respectivamente. A idade da mãe ao parto influenciou somente o peso aos 365 dias, com peso máximo de 187,29 kg e idade em torno de nove anos. As estimativas de herdabilidade foram iguais a 0,56 ± 0,09 e 0,64 ± 0,12 para os pesos aos 365 e 550 dias, respectivamente.Data growth records relative to 2004 Nellore breed calves, from Ceará and Piauí states, were used to study the influence of environmental effects and to estimate the heritability of the weight traits at the 365 days (yearling and 550 days (post-yearling of age. The variance components were estimated by the restricted maximum likelihood method. In the analysis of variance a model that included the fixed effects of sex, year and season and herd of birth, and the age of dam as covariant and the random effect of sire within the herd, was used. The fixed effects of classification were significant for all evaluated traits. Least square means were 186.16 ± 2.74 kg and 244.06 ± 5.23 kg, for yearling and post-yearling weight respectively. Age of dam at calving influenced only the yearling weights, with estimated maximum weight of 187.29 kg and ages around nine years. Heritability estimates were .56 ± .09 and .64

  14. Frequency of fiber-rich food intake and associated factors in a Southern Brazilian population Freqüência do consumo de alimentos fontes de fibras e fatores associados em população do Sul do Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Samanta Winck Madruga

    2009-10-01

    Full Text Available The objective of this study was to verify the frequency of fiber-rich food intake and evaluate its association with socioeconomic, demographic and behavioral characteristics. A city representative sample was selected and 3,993 subjects (> 10 years were interviewed. The study used the Block Screening Questionnaire. A majority of subjects - 65.6% (95%CI: 64.2-67.1 - presented an inadequate intake frequency. Adjusted analysis for the overall sample showed an increased risk of inadequate frequency among men, adolescents, people of lower socioeconomic levels, current smokers, those insufficiently active and those having fewer than four daily meals. Age group-stratified analysis showed that among adolescents, living alone was a risk factor; for adults, risk factors were sex (male, current smoker, insufficiently active and fewer than four daily meals and; among the elderly they were male and being a current smoker. A lower socioeconomic level was associated to the outcome in all groups. Although the inadequate frequency of intake is very common in this population, teenagers are at a higher risk, pointing to a need for public health actions targeting this particular age group.Verificar a freqüência do consumo de alimentos fontes de fibras e avaliar sua associação com características sócio-econômicas, demográficas e comportamentais. Foi selecionada amostra representativa da cidade e 3.993 indivíduos (> 10 anos foram entrevistados. Foi utilizado o instrumento Block Screening. A maioria da amostra, 65,6% (IC95%: 64,2-67,1, mostrou freqüência inadequada de consumo. A análise ajustada para amostra global mostrou risco aumentado de freqüência inadequada entre homens, adolescentes, de menor nível sócio-econômico, fumante atual, insuficientemente ativo e aqueles que faziam menos de 4 refeições/dia. A análise por faixa etária mostrou que entre adolescentes, morar sozinho foi um fator de risco; entre adultos, homens, fumantes

  15. REDES SOCIAIS DIGITAIS NA ESFERA PÚBLICA POLÍTICA: EXERCÍCIOS DE CIDADANIA

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Dayo de Araújo Silva CÔRBO

    2015-07-01

    Full Text Available As recentes manifestações ocorridas no Brasil e no mundo inspiram o estudo de variados temas e principalmente fazem refletir sobre o poder da ação a partir do uso da linguagem. Procura-se neste artigo verificar a potencialidade do uso político da linguagem no âmbito das redes sociais na internet à luz do conceito de esfera pública política e tendo como pano de fundo as manifestações ocorridas no Brasil em junho de 2013. Investigam-se as redes sociais como espaço público de ação propícias à construção de uma solidariedade entre cidadãos que agem visando o entendimento. Parte-se do conceito de esfera pública, de Jürgen Habermas, e estende-se a reflexão para o ambiente digital com a abordagem de Yochai Benkler, de esfera pública interconectada, que serve para interpretar o uso das tecnologias de informação e comunicação no cotidiano dos atores sociais a partir da liberação do pólo de emissão de conteúdo.

  16. Desigualdade social e saúde no Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Neri Marcelo

    2002-01-01

    Full Text Available Esse artigo estuda a relação entre desigualdade social e saúde no Brasil. A estratégia usada foi avaliar as necessidades e o consumo dos serviços de saúde, bem como o acesso a seguro saúde ao longo da distribuição de renda. Adicionalmente, por meio da estimação de uma regressão logística, foram avaliados outros determinantes do consumo dos serviços de saúde, com o intuito de se conhecer aonde e quem utiliza esses serviços no país. Os dados foram extraídos da Pesquisas Nacional de Amostra por Domicilio da Fundação Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística levada a campo em 1998. Em geral, observou-se que os indivíduos nos primeiros décimos da distribuição de renda têm pior acesso a seguro saúde, necessitam de maiores cuidados médicos, mas consomem menos os serviços de saúde. As outras características extra rendimento indicam que os principais determinantes para o consumo dos serviços de saúde estariam fortemente associados aos grupos sociais mais privilegiados (de maior escolaridade, acesso a seguro saúde, água, esgoto, luz, coleta de lixo e a fatores que apontam para capacidade de geração de oferta desses serviços no país.

  17. Daily cigarette smoking among colombian high school students: gender related psychosocial factors Consumo diario de cigarrillo en adolescentes estudiantes: factores psicosociales relacionados con el género Consumo diário de cigarro em adolescentes: fatores psico-sociais relacionados com o gênero

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Jorge Arturo Martínez-Mantilla

    2008-10-01

    estabelecer a prevalência e os fatores associados ao consumo diário de cigarro (CDC em adolescentes estudantes de Bucaramanga, Colômbia. Uma amostra aleatória por conglomerados foi investigada (n= 2.291. A prevalência de CDC durante o último mês foi 11,6% (IC 95% 9,7-13,5 em varões e 4.4% (IC 95% 3,3-5,5 em mulheres. Em mulheres, o CDC associou-se ao consumo de alguma substância ilegal (OR 8,13; IC 95% 3,52-18,87, consumo abusivo de álcool (OR 5,88, IC 95%2,54-13,7, melhor amigo fumador (OR 3,25, IC 95% 1,38-7,63 e pobre o regular rendimento acadêmico (OR 2,46, IC 95% 1,25-4,85. Em varões, o CDC relacionou-se com o consumo de alguma substancia ilegal (OR 6,23, IC 95% 3,62-10,71, melhor amigo fumador (OR 5,87, IC 95% 2,93-11,76, pobre o regular rendimento acadêmico (OR 2,09, IC95% 1,34-3,24 e mais anos de idade (OR 1,48, IC 95% 1,21-1,81. O CDC apresenta similares fatores associados em mulheres e varões. Precisam-se de mais pesquisas.

  18. Pesquisa Nascer no Brasil: perfil da mortalidade neonatal e avaliação da assistência à gestante e ao recém-nascido

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Sônia Lansky

    2014-08-01

    Full Text Available Estudo de coorte sobre a mortalidade neonatal na pesquisa Nascer no Brasil, com entrevista e avaliação de prontuários de 23.940 puérperas entre fevereiro de 2011 e outubro de 2012. Utilizou-se modelagem hierarquizada para análise dos potenciais fatores de risco para o óbito neonatal. A taxa de mortalidade foi 11,1 por mil; maior nas regiões Norte e Nordeste e nas classes sociais mais baixas. O baixo peso ao nascer, o risco gestacional e condições do recém-nascido foram os principais fatores associados ao óbito neonatal. A inadequação do pré-natal e da atenção ao parto indicaram qualidade não satisfatória da assistência. A peregrinação de gestantes para o parto e o nascimento de crianças com peso < 1.500g em hospital sem UTI neonatal demonstraram lacunas na organização da rede de saúde. Óbitos de recém-nascidos a termo por asfixia intraparto e por prematuridade tardia expressam a evitabilidade dos óbitos. A qualificação da atenção, em especial da assistência hospitalar ao parto se configura como foco prioritário para maiores avanços nas políticas públicas de redução das taxas e das desigualdades na mortalidade infantil no Brasil.

  19. Perfil do consumo de bebidas alcoólicas e fatores associados em um município do Nordeste do Brasil Alcohol consumption and associated factors in a city in Northeast Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luciano Nery Ferreira

    2011-08-01

    Full Text Available Estudo transversal que objetivou verificar o perfil do consumo de bebidas alcoólicas de acordo com sexo, idade, renda e escolaridade na população urbana de Jequié, Bahia, Brasil. Amostra aleatória composta por 270 indivíduos maiores de 14 anos residentes na zona urbana, pesquisados entre janeiro e março de 2010. Como instrumento utilizou-se o Alcohol Use Disorders Identification Test (AUDIT. Os resultados mostraram que 21,8% consomem quatro ou mais doses em dia típico; 14,1% admitiram já terem causado algum prejuízo após ter bebido; 26,3% relataram que alguém já sugeriu que parasse de beber; entre os homens 40% bebem mais que quatro doses no dia típico; 50,5% dos jovens bebem com alguma frequência. A distribuição característica das variáveis estudadas é compatível com maior frequência e quantidade de uso de álcool entre os homens e entre os jovens. A ocorrência do padrão de consumo pesado episódico de álcool foi marcante. São apresentados grupos vulneráveis, ainda não considerados dependentes e que também devem ser alvo de políticas públicas de promoção da saúde e prevenção.This cross-sectional study focused on alcohol consumption according to gender, age, income, and schooling in Jequié, Bahia State, Brazil. The random sample consisted of 270 individuals over 14 years of age living in the urban area of Jequié from January to March 2010. Alcohol consumption was assessed using the Alcohol Use Disorders Identification Test (AUDIT. Of the total sample, 21.8% consumed four or more drinks on a typical day, 14.1% admitted having caused any harm after drinking, and 26.3% reported that someone had already suggested they should stop drinking. Forty percent of men had more than four drinks on a typical day, and 50.5% of young people drank frequently. Distribution of the variables was consistent with higher frequency and greater amounts of alcohol among men and young people. There was a large proportion of heavy

  20. Mastite em pequenos ruminantes no Brasil

    OpenAIRE

    Peixoto,Rodolfo de M.; Mota, Rinaldo Aparecido; Costa,Mateus M. da

    2010-01-01

    Este artigo objetivou revisar as informações recentes sobre mastite em pequenos ruminantes, abrangendo etiologia, epidemiologia, aspectos de controle e profilaxia. Houve a preocupação em reunir resultados de estudos desenvolvidos no Brasil, uma vez que a mastite tem a interferência de uma série de fatores, como fatores ambientais e outros decorrentes dos sistemas de manejo empregados, condições essas determinantes para etiologia e epidemiologia da enfermidade. A prevalência da mastite em capr...

  1. Representações sociais: dos modelos de deficiência a leitura de paradigmas educacionais

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria Inês Naujorks

    2006-11-01

    Full Text Available O presente artigo é decorrente de uma dissertação de mestrado, desenvolvida no Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade Federal de Santa Maria, a qual buscou verificar as representações sociais de deficiência que constam nas normas complementares estaduais, específicas à Educação Especial, vigentes na Região Sul do Brasil para a elucidação dos paradigmas educacionais desses documentos. A teoria das Representações Sociais elaborada por Moscovici (1961 é o aporte teórico para este estudo. Utilizou-se o método de análise de conteúdo exposto por Bardin (1977, complementado pelas idéias propostas por Moraes (2003. Os resultados evidenciam visões antagônicas e dicotômicas presentes na atual política educacional, demonstrando a existência de representações sociais extremas de deficiência, referentes ao modelo médico e ao modelo social de deficiência. Nesse, sentido, tais normas evidenciam a manutenção de paradigmas educacionais integradores, bem como, ampliam a consolidação de paradigmas educacionais inclusivos.Palavras-chave: Representações Sociais. Modelos de Deficiência e Paradigmas Educacionais.

  2. Contribuições de fatores sócio-interacionistas na escrita de surdos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Patrícia Farias Fantinel

    2012-04-01

    Full Text Available Este artigo mostra em que os fatores sócio-interacionistas oferecidos pelo meio escolar – língua de sinais, conhecimento sistêmico, conhecimento de organização textual, conhecimento de mundo, prática sociais, instrutor de língua de sinais, professor e/ou educador especial e recursos visuais – podem contribuir com aprendizagem da língua portuguesa escrita por aluno surdo. Para que houvesse reflexões acerca da influência dos fatores sócio-interacionistas sobre a escrita em língua portuguesa, faz-se uma análise interpretativa entre referencial teórico pesquisado, os fatores oferecidos no meio escolar e o texto produzido por um aluno surdo.

  3. Fatores associados à atividade física insuficiente em adultos: estudo de base populacional no sul do Brasil Factors associated with insufficient physical activity: a population-based study in southern Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    João Altamiro Lopes

    2010-12-01

    Full Text Available O objetivo desse estudo foi estimar a prevalência de atividade física (AF insuficiente na população adulta do município de Lages (Santa Catarina em 2007 e verificar os fatores associados a este desfecho. Trata-se de um estudo transversal de base populacional. A amostra foi obtida através de sorteio em múltiplos estágios de adultos entre 20 e 59 anos, de ambos os sexos (n = 2.051. Empregou-se o Questionário Internacional de Atividade Física (IPAQ, versão curta, para estimar a prevalência de AF insuficiente, definida como tempo gasto em atividade física moderada ou vigorosa menor do que 150 minutos por semana. Considerou-se como referência a semana anterior à entrevista. A prevalência de AF insuficiente foi de 29,6% (IC95%: 27,6; 31,7. No modelo ajustado, a atividade física insuficiente foi associada positivamente ao sexo masculino, renda familiar alta, obesidade e auto-avaliação negativa de saúde. As prevalências de AF insuficiente foram menores do que as relatadas pela maioria dos estudos brasileiros. Pesquisas que distingam diferentes tipos de atividade física podem contribuir para melhor conhecer o perfil de uma população a fim de contribuir para a implantação de políticas públicas que estimulem a população à prática regular de exercícios.The aim of this study was to estimate the prevalence of insufficient physical activity and to find the factors associated to this outcome in Lages, Santa Catarina, Brazil (2007. A cross-sectional population-based study was carried out in a representative sample of individuals between 20 and 59 years of age (n=2,051. Physical activity was estimated using the short version of the International Physical Activity Questionnaire. Insufficient physical activity was defined as less than 150 minutes per week spent in moderate or vigorous physical activity. The prevalence of insufficient physical activity was 29.6% (95%CI: 27.6; 31.7. The associated factors were to be male, obese, have

  4. Movimentos sociais, a construção de sujeitos de direitos e a busca por democratização do Estado

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ana Paula Mendes Miranda

    2009-02-01

    Full Text Available Uma sociedade pode ser vista sob dois aspectos aparentementeopostos - os fatores de manutenção da ordem social, relacionados àstradições, e suas forças de transformação, relacionadas à mudança social.Georges Balandier (1976 afirmava que existem setores da sociedade queem matéria de mudança, intensidade e rapidez podem ser dividos em lentos(religião; arranjos culturais, que definem a nação ou uma etnia, dando-lhe omodo de ser e a sua personalidade e os que são rápidos (o saber científicoe a tecnologia, a economia, as técnicas de governo, de administração doshomens e das coisas. Esta idéia pode parecer contraditória, já que no Brasil,tudo que se refere à governos e adminstrações parecem não mudar. Noentanto, é preciso lembrar a tradição não é incompatível com a mudança, domesmo modo que a mudança não o é com uma continuidade.O presente artigo pretende levantar algumas questões sobre o quesignifica a organização da sociedade em movimentos sociais na perspectiva dabusca por direitos e sua relação com a democratização estatal. Tal abordagemé necessária, porque embora se fale muito a respeito da democratização,muitas vezes é deixado de lado a discussão sobre como os indivíduos seorganizam e se mobilizam na busca por direitos.

  5. Desafios técnicos e barreiras sociais,econômicas e regulatórias na fitorremediação de solos contaminados

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marcia Marques

    2011-02-01

    Full Text Available A fitorremediação - uso de plantas e comunidades microbianas associadas à rizosfera para degradar, isolar ou imobilizar contaminantes do solo e água - é uma técnica de custo relativamente baixo, vantagens estéticas e que não gera impactos adicionais. A maioria dos estudos com plantas na recuperação de áreas contaminadas tem sido desenvolvida em países de clima temperado, onde o potencial da fitorremediação é limitado por fatores climáticos. No Brasil, o conhecimento acerca do potencial fitorremediador das várias espécies de plantas e comunidades microbianas em solos tropicais é ainda muito escasso, o que, associado à falta de instrumentos de aferição e de apoio à decisão, dificulta a recomendação por parte das agências ambientais e empresas. A presente revisão descreve brevemente os mecanismos de fitorremediação e discute aspectos sociais, econômicos e reguladores que representam entraves ao amplo desenvolvimento da técnica, em comparação com técnicas convencionais, mais conhecidas e aceitas pelas agências e empresas. Finalmente, o mercado brasileiro presente e futuro é discutido, sendo sugerida a criação de protocolos experimentais e instrumentos de apoio à decisão que estimulem a aplicação da fitorremediação nos casos em que ela se apresente como a opção mais adequada.

  6. Dog parasite incidence and risk factors, from sampling after one-year interval, in Pinhais, Brazil Incidência e fatores de risco de parasitas de cães, amostragem após um ano, Pinhais, Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Camila Marinelli Martins

    2012-06-01

    Full Text Available Domestic animals in urban areas may serve as reservoirs for parasitic zoonoses. The aim of this study was to monitor the parasitic status of household dogs in an urban area of Pinhais, in the metropolitan region of Curitiba, Paraná State, Brazil, after a one-year period. In May 2009, fecal samples, skin scrapings and ticks were collected from 171 dogs. Questionnaires were applied to the owners (sex, age, environment and anthelmintic use. In May 2010, 26.3% (45/171 of the dogs were fecal samples reanalysed. From the fecal samples, 33.3% (57/171 in 2009 and 64.4% (29/45 in 2010 were positive. The parasite species most observed were, respectively in 2009 and 2010, Ancylostoma sp., 66.7 and 44.8%, and Strongyloidesstercoralis, 26.3 and 3.4%. All the skin scrapings were negative, and no ticks or protozoa were found. There was no statistical association (p > 0.05 between positive fecal tests and age, sex or environment. In 2009 alone, dogs with a history of antiparasitic drug administration were 2.3 times more likely to be negative. A great number of replacement dogs was noticed one year later. Therefore, isolated antiparasitic treatment strategies may have no impact on parasite control, given the risk of introduction of new agents, thereby limiting the prevention strategies.Animais domésticos em áreas urbanas podem servir de reservatório para zoonoses parasitárias. O objetivo deste trabalho foi monitorar a situação parasitária de cães domiciliados, após um ano, em área urbana de Pinhais, região metropolitana de Curitiba, Estado do Paraná, Brasil. Em maio de 2009, foram coletadas amostras de fezes de 171 cães, realizados raspados cutâneos e pesquisa de carrapatos. Foi aplicado um questionário aos proprietários (sexo, idade, ambiente e uso de vermífugos. Em maio de 2010, 26,3% (45/171 dos cães tiveram as amostras de fezes analisadas novamente. Das amostras de fezes, 33,3% (57/171 em 2009 e 64,4% (29/45 em 2010, foram positivas. As

  7. Congenital malformations in Rio de Janeiro, Brazil: prevalence and associated factors Malformações congênitas no Município do Rio de Janeiro, Brasil: prevalência e fatores associados a sua ocorrência

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cláudia Maria da Silva Costa

    2006-11-01

    Full Text Available This study aims to estimate the prevalence of congenital malformations and their correlation with socioeconomic and maternal variables. The design was cross-sectional, based on a sample of 9,386 postpartum women after admission for childbirth in maternity hospitals in the city of Rio de Janeiro, Brazil. Data were collected through interviews with mothers in the immediate postpartum, as well as by consulting the patient records of both the mothers and newborn infants. Prevalence of congenital malformations at birth was 1.7%, and minor malformations were the most frequent. Neural tube defects were the most frequent major malformations. According to multivariate analysis, congenital malformations were statistically associated with: maternity hospitals belonging to or outsourced by the Unified National Health System (SUS and inadequate prenatal care (¾ 3 visits. This study highlights the importance of measures for health promotion and disease prevention in childbearing-age women, with special attention to prenatal care and childbirth, which can directly influence neonatal indicators and prevention of birth defects.Este trabalho tem como objetivo estimar a prevalência ao nascimento das malformações congênitas e sua associação com escolaridade e outras características maternas. Trata-se de um estudo seccional, a partir de uma amostra de 9.386 puérperas hospitalizadas em maternidades do Município do Rio de Janeiro, Brasil, no momento do parto, no período de 1999 a 2001. Os dados foram coletados através de entrevistas com as mães, no pós-parto imediato, assim como consulta aos prontuários das puérperas e dos recém-nascidos. A prevalência ao nascimento de malformação congênita foi de 1,7% e as malformações menores foram as mais freqüentes (polidactilia e pé torto congênito. Os defeitos de fechamento do tubo neural foram as principais anomalias maiores detectadas. Na análise multivariada, a anomalia congênita esteve associada

  8. Stomach cancer incidence in Brazil: an ecologic study with selected risk factors Incidência de câncer de estômago no Brasil: estudo ecológico com fatores de risco selecionados

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Sergio Koifman

    1997-01-01

    Full Text Available Contrary to many industrialized countries in which a sharp decline in stomach cancer incidence has been observed, Brazil still shows intermediate to high incidence rates. An ecologic analysis was performed to explore variables possibly associated with the development of stomach cancer. Cluster analysis, principal component analysis, and factor analysis were carried out with population data, including the following: stomach cancer incidence rates in the early 1990s obtained from population-based cancer registries in Porto Alegre, Campinas, Fortaleza, Belém, and Goiânia; and data from a Brazilian national survey on family expenditures (several diet consumption items and availability of home refrigerators carried out in 1974-75. The results suggested that past availability of a home refrigerator, i.e. food preservation, may have played an important role in currently observed differences in stomach cancer incidence among the various populations studied in Brazil. Differences in living standards among populations in these cities also appear to have played an important role in the observed incidence differences.De forma distinta daquela verificada em muitos países industrializados onde se vem observando um marcado declínio das taxas de incidência de câncer de estômago, o Brasil ainda apresenta taxas consideradas intermediárias ou elevadas desta doença. Visando realizar um estudo exploratório das possíveis razões para estas diferenças, se realizou um estudo ecológico através de análise de agrupamento (cluster, análise de componentes principais e análise fatorial. Foram incluídos nestas análises as taxas de incidência de câncer de estômago no início da década de 90 - determinadas pelos registros de câncer de base populacional no país (Porto Alegre, Campinas, Fortaleza, Belém e Goiânia -, bem como aqueles obtidos através de inquérito nacional de despesas familiares (ENDEF realizado em 1974-75. Este levantou dados

  9. Os professores e a educação inclusiva: identificação dos fatores necessários à sua implementação

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marian Ávila de Lima e Dias

    2015-12-01

    Full Text Available Resumo: A pesquisa objetivou identificar fatores considerados necessários para a implementação da educação inclusiva ligados aos professores e sua atuação. Realizou-se um levantamento bibliográfico de textos acadêmicos sobre o tema; posteriormente, foram entrevistadas três professoras com experiência em educação inclusiva. A pesquisa bibliográfica identificou 20 fatores, que foram separados em três categorias: I - fatores relativos ao professor, II - fatores intraescolares e III - fatores sociais. Para as entrevistadas, a centralidade da educação inclusiva recai sobre os fatores relativos ao professor, em especial às suas características de personalidade, tais como afetividade e persistência, sem nenhuma menção aos fatores sociais. Tais respostas indicam concepções de escola e de inclusão em que o desempenho individual do professor é visto como independente do clima social e das políticas de implementação da educação inclusiva.

  10. Fatores interferentes na taxa de adesão à farmacoterapia em idosos atendidos na rede pública de saúde do Município de Salto Grande – SP, Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    PAULO ROQUE OBRELI NETO

    2010-12-01

    Full Text Available O objetivo deste estudo foi determinar a taxa de adesão à farmacoterapia e identificar os fatores que interferem nesta taxa em pacientes idosos atendidos em uma Unidade Básica de Saúde (UBS no município de Salto Grande, São Paulo. Foram recrutados 120 pacientes idosos para participar de estudo transversal, desenvolvido no período de maio a setembro de 2009. Foi aplicado questionário para determinar a taxa de adesão (MMAS-8 e identificar as características sócio-econômicas, de saúde autorreferidas, da farmacoterapia utilizada e da satisfação dos pacientes com os serviços de saúde da UBS estudada. Um total de 102 pacientes completo o estudo, sendo que a maioria dos indivíduos apresentou taxa de adesão insatisfatória (14,7% alta adesão, 48,0% adesão média e 37,3% baixa adesão. Apresentaram forte correlação com adesão, satisfação com os serviços de saúde (r= 0,884; p < 0,0001 e o Índice de Complexidade da Farmacoterapia (ICFT (r= - 0,705; p < 0,001. O número de medicamentos consumidos (r= - 0,604; p < 0,001, número de doenças relatadas (r = - 0,604; p < 0,001 e número de moradores por residência (r= 0,428; p < 0,001 apresentaram correlação intermediária com adesão. Foi encontrada uma correlação fraca entre adesão e escolaridade (r= 0,263; p < 0,001, raça (r= 0,090; p < 0,001, sexo (r= 0,080; p < 0,001, renda familiar (r= 0,054; p < 0,001 e idade (r= -0,090; p < 0,001. Esses resultados indicam que a população estudada não adere adequadamente à farmacoterapia, com forte influência da satisfação dos pacientes com os serviços de saúde e ICFT nesses resultados. Palavras-chave: Saúde do Idoso. Uso de Medicamentos. Adesão. ABSTRACT Factors interfering with the medication adherence rate of elderly patients in the public health system in the town of Salto Grande, São Paulo State, Brazil The aim of this study was to determine the rate of adherence to pharmacotherapy and to identify the

  11. Fatores de risco e proteção para doenças crônicas não transmissíveis obtidos por inquérito telefônico - VIGITEL Brasil - 2009 Risk and protection factors for chronic non communicable diseases by telephone survey - VIGITEL - 2009

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Betine Pinto Moehlecke Iser

    2011-09-01

    Full Text Available OBJETIVO: Descrever os fatores de risco e proteção para doenças crônicas não transmissíveis resultantes do Sistema de Vigilância por Inquérito Telefônico (VIGITEL em 2009. METODOLOGIA: Prevalências dos principais fatores de risco e proteção foram estimadas na população >18 anos a partir de entrevistas telefônicas em amostras probabilísticas da população coberta por telefonia fixa nas capitais de estados do Brasil e no Distrito Federal, segundo sexo, faixa etária e escolaridade. RESULTADOS: Foram realizadas 54.367 entrevistas. Fumantes e ex-fumantes corresponderam a 15,5e 22% da população adulta brasileira, respectivamente. O excesso de peso atinge 46,6% dos adultos; 33% relataram consumo de carne com gordura e 18,9% afirmaram consumir bebida alcoólica de forma abusiva. Tais fatores de risco são mais prevalentes em homens e em geral nos indivíduos jovens e de menor escolaridade. A prevalência de atividade física no lazer é de 18,8% (IC95% 17,4-20,1 em homens e de 11,3% (IC95% 10,6-12,0 nas mulheres. A inatividade física atinge 15,6% da população e aumenta com a idade. O consumo de frutas, legumes e verduras e a atividade física no lazer são mais frequentes em homens e mulheres com mais anos de estudo. Diagnóstico de hipertensão arterial foi referido por 21,1% (IC95% 19,6-22,5 dos homens e 27,2% (IC95% 25,8-28,5 das mulheres. A prevalência de diabetes foi de 5,8%. CONCLUSÃO: Os resultados apontaram comportamentos em saúde distintos de acordo com o sexo, idade e escolaridade da população e reforçam a tendência de queda do tabagismo e aumento no excesso de peso no Brasil.OBJECTIVE: To describe the risk and protection factors for non communicable diseases with data from Telephone-based Surveillance of Risk and Protective Factors for Chronic Diseases (VIGITEL in 2009. METHODOLOGY: The prevalence of main risk and protective factors was estimated in adults (>18 years old, by telephone surveys in a probabilistic

  12. Incidence of self-reported hearing loss and associated risk factors among the elderly in São Paulo, Brazil: the SABE survey La incidencia de pérdida de la audición auto-reportada entre los ancianos en São Paulo, Brasil, y factores asociados: Estudio SABE Incidência de deficiência auditiva referida em idosos no Município de São Paulo, Brasil, e fatores associados: Estudo SABE

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Yeda Aparecida de Oliveira Duarte

    2013-04-01

    riesgo son la edad mayor o igual a 80 años, sexo masculino, ocupaciones en los sectores industrial, agrícola o de manutención, y la osteoporosis. Se deben desarrollar medidas de mitigación de riesgos para disminuir la incidencia de pérdida de audición entre los ancianos, especialmente las relacionadas con la prevención de ruido en el trabajo y de las enfermedades, especialmente, la osteoporosis.O objetivo foi estimar a incidência de deficiência auditiva referida por idosos em São Paulo, Brasil, e fatores de risco associados. Realizou-se estudo longitudinal em 2006, baseado na população com 60 anos ou mais entrevistada em 2000. A amostra foi obtida pelo método de amostragem por conglomerados, em dois estágios, sob critério de partilha proporcional ao tamanho, com reposição e probabilidade proporcional à população, para sujeitos com 75 anos ou mais. A análise estatística foi realizada pelo teste de razão de verossimilhança para a igualdade das curvas de sobrevivência e regressão de Cox. Foram entrevistados 765 idosos, com taxa de incidência de deficiência auditiva referida de 28,9/1.000 pessoas-ano e proporção da mesma de 17,4%. Os fatores de risco associados foram idade igual ou maior a 80 anos, sexo masculino, ocupações nos setores agropecuário, industrial ou de manutenção e osteoporose. Medidas de atenuação de risco devem ser elaboradas para a diminuição da incidência da deficiência auditiva entre os idosos, principalmente as relacionadas à prevenção do ruído ocupacional e de doenças, em especial a osteoporose.

  13. Fatores de risco para mortalidade infantil em municípios do Estado do Paraná, de 1997 a 2008 Factores de riesgo para mortalidad infantil en municipios de la Provincia de Paraná (Brasil, de 1997 a 2008 Risk factors for child mortality in towns of Paraná State (South Brazil, from 1997 to 2008

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Mônica Augusta Mombelli

    2012-06-01

    Full Text Available OBJETIVO: Identificar e analisar os fatores de risco para a mortalidade infantil nos municípios que compõem a 9ª Regional de Saúde do Estado do Paraná, entre os anos de 1997 a 2008. MÉTODOS: Estudo retrospectivo, com dados secundários a partir do Sistema de Informações de Nascidos Vivos (SINASC e do Sistema de Informação sobre Mortalidade (SIM. Foi considerado variável dependente o óbito antes do primeiro ano de vida e variáveis independentes: sexo, peso ao nascer, duração da gestação, local de ocorrência do óbito, tipo de gravidez, tipo de parto, idade materna e escolaridade da mãe. Os fatores de risco associados ao óbito foram avaliados por meio da análise univariada. RESULTADOS: Entre os anos de 1997 e 2008, foram registrados 92.716 nascimentos pelo SINASC e 1.535 óbitos em crianças menores de um ano pelo SIM. Foram fatores de risco para a mortalidade nascidos vivos do sexo masculino (OR 1,09; IC95% 1,04-1,15, com baixo peso (OR 4,37; IC95% 4,14-4,62, prematuros (OR 4,83; IC95% 4,18-5,58, nascidos vivos de parto vaginal (OR 1,11; IC95% 1,05-1,17, mães adolescentes (OR 1,11; IC95% 1,02-1,22 e com baixa escolaridade (OR 1,97; IC95% 1,84-2,10. CONCLUSÕES: Os dados mostram diminuição da mortalidade infantil e de informações consideradas ignoradas nos bancos de dados e identificam os fatores de risco sugerindo atenção dos profissionais da saúde para o grupo de maior vulnerabilidade desde a assistência no pré-natal.OBJETIVO: Identificar y analizar los factores de riesgo para la mortalidad infantil en los municipios que componen la 9ª Regional de Salud de la provincia de Paraná (Brasil, entre los años de 1997 a 2008. MÉTODOS: Estudio retrospectivo, con datos secundarios a partir del Sistema de Informaciones de Nacidos Vivos (SINASC y del Sistema de Informaciones sobre Mortalidad (SIM. Se consideró variable dependiente el óbito antes del primer año de vida y variables independientes el sexo, el peso al nacer

  14. Prevalência e distribuição dos fatores de risco para doenças crônicas não transmissíveis entre adultos da cidade de Lages (SC, sul do Brasil, 2007 Prevalence and distribution of risk factors for non-communicable chronic diseases among adults from Lages city, south of Brazil, 2007

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Giana Zarbato Longo

    2011-12-01

    Full Text Available OBJETIVO: Descrever as prevalências e distribuições dos fatores de risco para doenças crônicas não-transmissíveis (DCNT entre adultos da cidade de Lages, Santa Catarina, Brasil. MÉTODOS: Entrevistou-se amostra probabilística (n= 2022 da população adulta na faixa etária de 20 a 59 anos de idade, de ambos os sexos e residentes na zona urbana do município. O processo de amostragem foi por meio de conglomerados. O projeto aplicou questionário estruturado com questões relativas a variáveis demográficas, socioeconômicas, comportamentais e doenças autorreferidas. Para este estudo foram utilizadas as informações sobre os fatores de risco/proteção para DCNT: sexo, idade, escolaridade, índice de massa corporal, circunferência da cintura, tabagismo, atividade física, níveis pressóricos, diabetes mellitus autorreferida e características da alimentação. Foram calculadas as prevalências para os fatores de risco/proteção para DCNT na população total, de acordo com sexo e escolaridade. RESULTADOS: A população estudada é uma população eminente para DCNT, apresentando proporções expressivas de hipertensos (33,78% e indivíduos com excesso de peso (33,46%, obesidade (23,46% e obesidade abdominal (43,81%. Com relação às características da alimentação, as mulheres apresentaram maiores prevalências de comportamentos considerados fatores de proteção, em relação aos homens. Foram encontrados menos de 30,0% de indivíduos fisicamente inativos e 45,9% de fumantes ou ex-fumantes. CONCLUSÕES: Estudos descritivos como o presente poderão servir de base para o desenvolvimento de políticas públicas específicas para a população adulta de Lages, de forma a orientar a organização, planejamento e melhoria da qualidade dos serviços de assistência à saúde, buscando a redução na incidência e no impacto das DCNT.OBJECTIVE: To describe prevalence and the distribution of risk factors to non-communicable chronic

  15. Fatores preditores para o abandono do tratamento da tuberculose pulmonar preconizado pelo Ministério da Saúde do Brasil na cidade de Porto Alegre (RS Pulmonary tuberculosis treatment regimen recommended by the Brazilian National Ministry of Health: predictors of treatment noncompliance in the city of Porto Alegre, Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Simone Teresinha Aloise Campani

    2011-12-01

    Full Text Available OBJETIVO: Determinar os fatores preditores de abandono do tratamento da tuberculose pulmonar, preconizado pelo Ministério da Saúde do Brasil, em pacientes bacilíferos virgens de tratamento atendidos na cidade de Porto Alegre (RS. MÉTODOS: Estudo de caso-controle envolvendo seis unidades básicas de saúde de referência para o tratamento da tuberculose em Porto Alegre, com a revisão dos prontuários de todos os casos de abandono do tratamento por parte de pacientes com tuberculose pulmonar bacilíferos e virgens de tratamento entre 2004 e 2006. Os pacientes incluídos no estudo foram pareados com pacientes com características semelhantes e cujo desfecho foi de cura. Foram realizadas análises univariada e multivariada. RESULTADOS: Dos 2.098 pacientes incluídos no estudo, 218 (10,4% abandonaram o tratamento. De acordo com a modelo da análise multivariada utilizado, as associações mais significantes para o abandono do tratamento foram o etilismo (com ou sem a concomitância de uso de drogas ilícitas, a infecção por HIV, o fato de o paciente não residir com familiares e o baixo nível de escolaridade. Na análise univariada, indivíduos mais jovens e de etnia não branca também se revelaram significativos para o abandono do tratamento. Gênero e ocorrência de efeitos adversos da medicação não mostraram associação com o abandono. CONCLUSÕES: Na população estudada, alcoolismo, infecção por HIV e o fato de o paciente não residir com familiares foram os fatores preditores mais importantes para o abandono do primeiro tratamento da tuberculose pulmonar.OBJECTIVE: To determine the predictors of noncompliance with the pulmonary tuberculosis treatment regimen recommended by the Brazilian National Ministry of Health, in previously treatment-naïve patients with active tuberculosis treated in the city of Porto Alegre, Brazil. METHODS: This was a case-control study involving six referral primary health care clinics for tuberculosis

  16. Criminal career-related factors among female robbers in the state of São Paulo, Brazil, and a presumed 'revolving-door' situation Fatores relacionados à carreira criminal em mulheres condenadas por roubo no estado de São Paulo, Brasil, e uma situação presumível de "porta giratória"

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fernando Henrique Nadalini Mauá

    2012-06-01

    Full Text Available INTRODUCTION: Risk-taking behaviors, family criminality, poverty, and poor parenting have been frequently associated with an earlier onset of criminal activities and a longer criminal career among male convicts. OBJECTIVE: This study aims to identify factors related to the onset and recurrence of criminal behavior among female robbers in the State of São Paulo - Brazil. METHOD: It was a cross-sectional study carried out inside a feminine penitentiary in São Paulo. From June 2006 to June 2010, 175 inmates convicted only for robbery were recruited to be evaluated about family antecedents of criminal conviction, alcohol and drug misuse, impulsiveness, depressive symptoms, and psychosocial features. RESULTS Having family antecedents of criminal conviction consistently predicted an earlier onset of criminal activities and a longer criminal career among female robbers. Drug use in youth and the severity of drug misuse were significantly related to the initiation and recurrence of criminal behavior, respectively. DISCUSSION: Prisons must systematically screen detainees and provide treatments for those with health problems in general. Children of inmates should obtain help to modify the negative consequences of their parents' incarceration in order to mitigate the negative consequences of pursuing this 'static' factor.INTRODUÇÃO:Comportamentos de correr riscos, criminalidade familiar, pobreza e pais inadequados foram frequentemente associados a um início mais precoce de atividades criminais e a uma carreira criminal mais longa em presos do sexo masculino. OBJETIVO:Esse estudo visa identificar os fatores relacionados ao início e à recorrência do comportamento criminal em mulheres assaltantes no estado de São Paulo, Brasil. MÉTODO: Este foi um estudo em corte transversal realizado dentro de uma penitenciária feminina em São Paulo. De junho de 2006 a junho de 2010, 175 internas condenadas apenas por roubo foram recrutadas para avalia

  17. Prevalência de internação hospitalar e fatores associados: um estudo de base populacional em um centro urbano no Sul do Brasil Prevalence and factors associated with hospital admissions in a population-based study in a southern Brazilian city

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ligia Regina Garbinato

    2007-01-01

    Full Text Available Este estudo transversal investiga a utilização de serviços hospitalares e fatores associados em indivíduos com 14 anos ou mais em Canoas, Rio Grande do Sul, Brasil. Foram entrevistados 1.954 indivíduos de 40 setores censitários. A prevalência de internação hospitalar no período de um ano foi de 9,4%. Na análise ajustada para as demais variáveis, as que permaneceram associadas a uma maior chance de hospitalização foram: idade de 60 anos ou mais (RP = 4,14; IC95%: 2,07-8,25, realização de consulta médica nos últimos dois meses (RP = 2,79; IC95%: 2,03-3,83, a ocorrência de dois ou mais eventos estressantes (RP = 1,83; IC95%: 1,19-2,80. A renda individual, de 2,10 salários mínimos ou mais, esteve associada a uma menor chance de hospitalização (RP = 0,60; IC95%: 0,41-0,87. A prevalência de internações encontrada é compatível com outros estudos. A maior prevalência de hospitalização nos grupos de menor nível sócio-econômico pode indicar um menor acesso aos serviços de atenção básica. Outros fatores envolvidos poderiam ser a maior morbidade e severidade da doença entre os grupos mais pobres. Salienta-se a importância de investigar a relação entre eventos estressantes e morbidade.This cross-sectional study investigates the use of health services and associated factors in individuals > 14 years of age in Canoas, Rio Grande do Sul, Brazil. 1,954 persons were interviewed in 40 census tracts. One-year prevalence of hospital admissions was 9.4%. Adjusted data analysis showed that hospitalization was associated with: age > 60 years (RP = 4.14; 95% CI: 2.07-8.25, physician visit in the previous two months (RP = 2.79; 95%CI: 2.03-3.83, and > 2 stressful life events (RP = 1.83; 95%CI: 1.19-2.80. Individual income of > 2.10 times the prevailing minimum wage was associated with decreased likelihood of hospitalization (RP = 0.60; 95% CI: 0.41-0.87. Prevalence of hospital admissions was consistent with other studies. Higher

  18. Fatores de risco para hospitalização de crianças de um a quatro anos em São Luís, Maranhão, Brasil Risk factors for hospitalization of children aged one to four years in São Luís, Maranhão, Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Antônio Augusto Moura da Silva

    1999-10-01

    Full Text Available Os fatores de risco para hospitalização infantil foram estudados por inquérito domiciliar transversal, em amostra aleatória por conglomerados em múltiplos estágios de 596 crianças de um a quatro anos de idade, em São Luís, Maranhão, Brasil, em 1994. A taxa de hospitalização foi de 24,4%, sendo as maiores por pneumonia (7,3% e diarréia (7,1%. A maioria das internações foi custeada pelo SUS (78,1% e apenas 18,2% pelo seguro-saúde. Após o ajuste para fatores de confusão pela regressão de Cox modificada para estudos transversais, crianças de famílias de renda familiar de até um salário mínimo e as que possuíam seguro-saúde tiveram maior risco de serem hospitalizadas em relação às demais. A maioria das hospitalizações em São Luís ocorreu por causas evitáveis ou sensíveis à atenção ambulatorial. O padrão de hospitalização em U levanta questões acerca da baixa qualidade da atenção ambulatorial para os segmentos mais pobres da população e indica, provavelmente, a ocorrência de internações desnecessárias e iatrogênicas entre os usuários de seguro-saúde.Risk factors for pediatric hospitalization were studied using a cross-sectional multi-stage cluster sample survey. A standardized questionnaire was answered by children's mothers or other care providers. In the municipality of São Luís, Maranhão, Brazil, 596 children aged 1 to 4 years were sampled in 50 census tracts. Design effect was calculated for each estimate. Hospitalization rate was 24.4%. Main causes of hospitalization were pneumonia (7.3% and diarrhea (7.1%. The Unified National Health System (SUS and private insurance accounted for 78.1% and 18.2% of hospital admissions, respectively. After adjustment for confounding by Cox proportional hazards model modified for cross-sectional design, children whose families earned less than one minimum monthly wage and those with private insurance were at higher risk of hospitalization. Hospitalization

  19. Monitoramento por entrevistas telefônicas de fatores de risco para doenças crônicas: experiência de Goiânia, Goiás, Brasil Surveillance of risk factors for chronic diseases through telephone interviews: experience in Goiânia, Goiás State, Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria do Rosário Gondim Peixoto

    2008-06-01

    Full Text Available Este estudo descreve alguns resultados do sistema de monitoramento de fatores de risco para doenças crônicas por entrevistas telefônicas no Município de Goiânia, Goiás, Brasil, 2005. Foi estudada amostra probabilística (n = 2.002 da população adulta servida por linhas telefônicas residenciais fixas. Foram analisadas variáveis comportamentais (consumo alimentar, atividade física, tabagismo e consumo de bebida alcoólica, peso e altura referidos e referência a diagnóstico médico de doenças crônicas. Foram calculadas estimativas de prevalência e valores de qui-quadrado. Observou-se baixo consumo de frutas e hortaliças (47,1%, alta freqüência de inatividade física ocupacional (86,6%, no deslocamento para o trabalho (92,6% e lazer (61,9%, consumo excessivo de bebidas alcoólicas (23,2%, excesso de peso (36,5%, obesidade (10,6%, hipertensão arterial (22,4%, dislipidemias (18,4% e diabetes (4,4%. A maioria dos fatores de risco apresentou associação inversa com escolaridade e direta com idade, com diferenças significativas entre sexos (p This study describes results from a surveillance system for risk factors for chronic non-communicable diseases in 2005 in the city of Goiânia, Goiás State, Brazil. A probabilistic sample (n = 2,002 of the adult population living in households with landline telephones was studied by phone interviews. Factors investigated were: food consumption, physical activity, smoking, alcohol intake, self-reported weight and height, and self-reported medical diagnosis of chronic non-communicable diseases. Prevalence and c² values were calculated. The data showed: low consumption (< 5 days/week of fruits and vegetables (47.1%, high rate of physical inactivity at work (86.6%, in commuting (92.6%, and during leisure time (61.9%, high alcohol consumption (36.5%, and high rates of obesity (10.6%, hypertension (22.4%, dyslipidemia (18.4%, and diabetes (4.4%. Most of the factors were inversely related to

  20. Prevalência de sobrepeso e fatores associados em crianças ingressantes no ensino fundamental em um município da região metropolitana de São Paulo, Brasil Overweight, obesity and associated factors in first grade schoolchildren in a city of the metropolitan region of São Paulo, Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Lenise Mondini

    2007-08-01

    Full Text Available Este estudo verificou a prevalência de sobrepeso e sua associação com fatores sócio-ambientais em crianças ingressantes na primeira série do ensino público fundamental do Município de Cajamar, São Paulo, Brasil, em 2005. Sobrepeso foi definido pelo índice de massa corporal, segundo sexo e idade. As variáveis sócio-ambientais foram obtidas por meio de questionário aplicado junto às mães das crianças (58,6%. Associação entre sobrepeso e variáveis independentes foi verificada mediante técnica de regressão de Poisson. A prevalência de sobrepeso foi de 17%. Obesidade materna (RP = 3,54; IC: 2,16-5,80, freqüência elevada de consumo de alimentos "não saudáveis" (RP = 2,12; IC: 1,30-3,45, assistir à televisão por mais de quatro horas/dia (RP = 2,08; IC: 1,03-4,20 e disponibilidade domiciliar per capita de óleo (cerca de três colheres sopa/dia (RP = 1,52; IC: 1,01-2,31 apresentaram-se como fatores independentes associados ao excesso de peso infantil. O ambiente familiar apresentou forte influência sobre a condição de sobrepeso em escolares ingressantes no ensino fundamental. Ações de prevenção e controle do sobrepeso deveriam envolver a instituição escolar e também os pais ou responsáveis pelas crianças.This study assessed the prevalence of overweight in public school first graders and the association between overweight and socio-environmental factors in a city in Greater Metropolitan São Paulo, Brazil. Children enrolling in public school first grade in Cajamar in 2005 were assessed. Overweight was defined according to body mass index, by gender and age. Socio-environmental information was obtained using a questionnaire applied to 58.6% of the children's mothers. Poisson regression models were used to evaluate associations between overweight in schoolchildren and socio-environmental variables. Seventeen percent of the children were overweight. Factors associated with overweight were: mother's obesity (PR = 3

  1. Deficiência de ferro, prevalência de anemia e fatores associados em crianças de creches públicas do oeste do Paraná, Brasil Iron deficiency and prevalence of anemia and associated factors in children attending public daycare centers in western Paraná, Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Valdete Carreira Rodrigues

    2011-06-01

    Full Text Available OBJETIVO: Avaliar o estado nutricional de ferro, a prevalência de anemia e fatores associados, em crianças de 6 a 24 meses frequentadoras de creche pública em Cascavel, Região Oeste do Paraná, Brasil. MÉTODOS: O estudo transversal foi realizado com amostra aleatória de 256 crianças. A coleta de dados (questionário, medidas antropométricas e amostras de sangue ocorreu de julho a setembro de 2007. A deficiência de ferro foi avaliada em termos de transferrina, hemoglobina, volume corpuscular médio, ferro sérico e eosinófilos. Na análise estatística dos dados foram obtidas as odds ratio bruta e ajustada (regressão logística, bem como os respectivos níveis de significância (p-valor. Para identificar diferenças significativas entre as medidas quantitativas, adotou-se a Análise de Variância e o teste de comparação múltipla de Tukey. RESULTADOS: A prevalência da anemia foi de 29,7%, sendo que 77,3% das amostras apresentaram baixa concentração de ferro. A antropometria não apontou deficiência de macronutrientes, porém mostrou obesidade acima dos índices médios. Os fatores associados à anemia e à deficiência de ferro foram: doenças frequentes na família (OR=10,02, condições de moradia (OR=5,05, tempo de creche (OR=3,05, número de moradores na residência (OR=2,83 e falta de saneamento (OR=2,20. CONCLUSÃO: A prevalência de anemia e a elevada deficiência de ferro detectada evidenciam um grave problema de saúde pública entre os pré-escolares do município de Cascavel, Paraná. Apesar da amplitude do problema, a anemia não está sendo reconhecida, prevenida e tratada adequadamente. Neste estudo são sugeridas algumas possíveis intervenções.OBJECTIVE: This study assessed the iron levels and prevalence of anemia and associated factors in children aged 6 to 24 months attending public daycare centers in Cascavel, Western Paraná, Brazil. METHODS: This cross-sectional study included 256 randomly sampled children

  2. Prevalence of chronic obstructive pulmonary disease and associated factors: the PLATINO Study in São Paulo, Brazil Prevalência de doença pulmonar obstrutiva crônica e fatores associados: Estudo PLATINO em São Paulo, Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ana Maria Baptista Menezes

    2005-10-01

    Full Text Available Chronic obstructive pulmonary disease (COPD is now a major public health concern; deaths attributable to COPD in Latin America have increased by 65.0% in the last decade. This study was aimed at evaluating COPD prevalence and associated factors in adults (> 40 years living in Greater Metropolitan São Paulo, Brazil. The study is part of the Proyecto Latinoamericano de Investigación en Obstrucción Pulmonar (The PLATINO Project, a multi-center survey on COPD burden in Latin America, with São Paulo as the first center where the project has been carried out. A population-based sample was selected in multiple stages. Spirometry tests were performed in each subject pre- and post-bronchodilator and COPD was mainly defined as the ratio of forced expiratory volume to forced vital capacity below 70.0% (fixed ratio definition. Other spirometric criteria were also used for the diagnosis of COPD. COPD prevalence was 15.8% (95%CI: 13.5-18.1 using the fixed ratio definition. COPD was positively associated with age and smoking and inversely with body mass index. Utilization of different COPD spirometry criteria resulted in different percentages of COPD, but similar associated factors.A doença pulmonar obstrutiva crônica (DPOC é hoje um grande desafio para a saúde pública; as mortes atribuídas a DPOC na América Latina aumentaram 65,0% na última década. Avaliou-se a prevalência de DPOC e fatores associados em uma população adulta (> 40 anos da grande área metropolitana de São Paulo, Brasil. Esse estudo faz parte do Proyecto Latinoamericano de Investigación en Obstrucción Pulmonar (Projeto PLATINO, um estudo multicêntrico sobre DPOC em grandes cidades da América Latina, tendo sido São Paulo o primeiro centro onde o projeto se realizou. O estudo foi transversal de base populacional e amostragem em múltiplos estágios. Os indivíduos realizaram espirometria, e DPOC foi basicamente definida como a razão entre o volume expiratório forçado em

  3. Acute lower respiratory illness in under-five children in Rio Grande, Rio Grande do Sul State, Brazil: prevalence and risk factors Doença respiratória aguda baixa em menores de cinco anos em Rio Grande, Rio Grande do Sul, Brasil: prevalência e fatores de risco

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Silvio O. M. Prietsch

    2008-06-01

    Full Text Available This study aimed to determine the prevalence of acute lower respiratory illness and to identify associated factors among children less than five years of age in the city of Rio Grande, southern Brazil. Using a cross-sectional survey, a standardized household questionnaire was applied to mothers or guardians. Information was collected on household conditions, socioeconomic status, and parental smoking. Prenatal care attendance, nutritional status, breastfeeding pattern, and use of health services for the children were also investigated. Data analysis was based on prevalence ratios and logistic regression, using a conceptual framework. Among 771 children studied, 23.9% presented acute lower respiratory illness. The main risk factors were previous episodes of acute lower respiratory infection or wheezing, crowding, maternal schooling less than five years, monthly family income less than US$ 200, four or more people per room, asthma in family members, and maternal smoking. Mothers 30 years or older were identified as a protective factor. These results can help define specific measures to reduce morbidity and mortality due to acute lower respiratory illness in this setting.Este estudo teve por objetivo determinar a prevalência de doenças respiratórias agudas baixas e identificar fatores associados à sua ocorrência entre crianças menores de cinco anos de idade em Rio Grande, Rio Grande do Sul, Brasil. Realizou-se estudo transversal de base populacional com aplicação de questionário em nível domiciliar às mães ou responsáveis pelas crianças. Foram coletadas informações sobre características sócio-econômicas, condições de habitação da família e tabagismo dos pais; sobre as crianças, investigou-se padrão de amamentação e dieta, estado nutricional, assistência à gestação e ao parto e utilização de serviços de saúde. A análise incluiu cálculo das razões de prevalência e regressão logística conforme modelo hier

  4. Fatores de risco para o câncer de esôfago: estudo caso-controle em área metropolitana da região Sudeste do Brasil Risk factors for cancer of the esophagus: a case control study in a metropolitan area of South-Eastern Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Suely Godoy Agostinho Gimeno

    1995-06-01

    Full Text Available A associação do câncer de esôfago com os hábitos de fumar e beber, escolaridade e fatores nutricionais foi verificada em um estudo epidemiológico tipo caso-controle, conduzido no Município de São Paulo (Brasil. Oitenta e cinco casos foram comparados com 292 controles hospitalares, com diferentes diagnósticos, inclusive outros tipos de câncer. Estimativas brutas, por ponto e por intervalo, dos odds ratios, foram obtidas para as variáveis de estudo. Com base nos resultados da análise bruta, foram selecionadas oito variáveis para a utilização de análise logística multivariada. O modelo final sugere que tanto o hábito de beber [odds ratio = 3,68; intervalo com 95% de confiança (1,74 - 7,78], como o de fumar [odds ratio = 4,86; intervalo com.95% de confiança (1,95 - 12,13] e o consumo freqüente de pimenta [odds ratio = 2,48; intervalo com 95% de confiança (1,46 - 4,23] são fatores de risco importantes para a doença. Obteve-se odds ratio 3,43 (1,31 - 8,97 para o hábito de fumar cigarro comum e odds ratio 4,18 (1,38 - 12,66 para cigarro de palha.The association between esophageal cancer and smoking and drinking habits, instruction and nutritional factors was examined by means of the utilization of data of a case-control study wich was undertaken in the city of S. Paulo (Brazil. Eighty five cases were compared with two hundred and ninety two hospital controls, with different diseases, including other kinds of cancer. The crude estimations of the odds ratios were calculated for all the variables. Logistic regression was used in the next steps of the analysis. The drinking habit [odds ratio = 3.68; 95% confidence interval (1.74 - 7.78], the smoking habit [odds ratio = 4.86; 95% confidence interval (1.95 - 12.13] and the frequent eating of hot pepper [odds ratio = 2.48; 95% confidence interval (1.46 - 4.23] are important risk factors for the disease. The estimate of odds ratio for smoking ordinary cigarette was of 3.43 (1.31 - 8

  5. Factors associated with Leishmania chagasi infection in domestic dogs from Teresina, State of Piauí, Brazil Fatores associados à infecção por Leishmania chagasi em cães domiciliados de Teresina, Estado do Piauí, Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    João Pereira da Silva

    2012-08-01

    Full Text Available INTRODUCTION: Many studies have evaluated risk factors for human visceral leishmaniasis, but few have focused on the infection among dogs. The objective of this study was to assess the association between peridomestic socioeconomic and environmental factors and the presence of dogs seropositive for Leishmania chagasi in the City of Teresina, Brazil. METHODS: This case-control study was based on the results of a routine seroepidemiological survey among domestic dogs carried out in 2007. Serological tests were performed by means of indirect immunofluorescence antibody test. All dwellings in which at least one seropositive dog was detected were considered cases, and controls were a random sample of dwellings in which only seronegative dogs were identified. Associations between variables were expressed as odds ratios (OR and their respective 95% confidence intervals (95%CI estimated using multivariate logistic regression. RESULTS: Dwellings with a history of dogs removed by the visceral leishmaniasis control program in the last 12 months had five-fold higher odds of having at least one seropositive dog as compared with dwellings having no history of dog removal (OR = 5.19; 95%CI = 3.20-8.42. Dwellings with cats had 58% increased odds of dog infection as compared with those having no cats (OR = 1.58; 95%CI = 1.01-2.47. CONCLUSIONS: Identification of factors associated with canine visceral leishmaniasis might be used for the delimitation of areas of higher risk for human visceral leishmaniasis, since infection in dogs generally precedes the appearance of human cases.INTRODUÇÃO: Diversos estudos avaliaram fatores de risco para leishmaniose visceral humana, mas poucos focalizaram a infecção canina. O objetivo deste estudo é avaliar a associação entre condições sócio-ambientais peridomiciliares e a presença de cães sorologicamente positivos para Leishmania chagasi em Teresina, Brasil. MÉTODOS: Estudo caso-controle baseado nos resultados de

  6. Identification of risk factors for death from tetanus in Pernambuco, Brazil: a case-control study Identificação de fatores de risco para morte por tétano em Pernambuco, Brasil: um estudo de caso-controle

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Demócrito B. MIRANDA-FILHO

    2000-12-01

    Full Text Available A case-control study was conducted to identify risk factors for death from tetanus in the State of Pernambuco, Brazil. Information was obtained from medical records of 152 cases and 152 controls, admitted to the tetanus unit in the State University Hospital, in Recife, from 1990 to 1995. Variables were grouped in three different sets. Crude and adjusted odds ratios, p-values and 95% confidence intervals were estimated. Variables selected in the multivariate analysis in each set were controlled for the effect of those selected in the others. All factors related to the disease progression - incubation period, time elapsed between the occurrence of the first tetanus symptom and admission, and period of onset - showed a statistically significant association with death from tetanus. Similarly, signs and/or symptoms occurring on admission or in the following 24 hours (second set: reflex spasms, neck stiffness, respiratory signs/symptoms and respiratory failure requiring artificial ventilation (third set were associated with death from tetanus even when adjusted for the effect of the others.Um estudo de caso-controle foi conduzido no Estado de Pernambuco, Brasil, para identificar fatores de risco para morte por tétano. As informações foram obtidas dos prontuários médicos de 152 casos e 152 controles, admitidos na Unidade de Tétano do Hospital Universitário Oswaldo Cruz, na cidade do Recife, de 1990 a 1995. As variáveis foram agrupadas em três diferentes conjuntos. Foram estimados os "odds ratios" brutos e ajustados, o intervalo de confiança de 95% e o valor de "p". As variáveis selecionadas na análise multivariada em cada conjunto, foram controladas para os efeitos daquelas selecionadas nos demais. Todos os fatores relacionados à progressão da doença - período de incubação, tempo decorrido entre o primeiro sintoma de tétano e a admissão no hospital, e período de progressão - mostraram uma associação estatisticamente significante

  7. Os mundos sociais da empresa

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Florence Osty

    2008-11-01

    Full Text Available Ao contrário do modo comum que a sociologia trata as empresas, tratamos a empresa, neste artigo, como um universo social que, além de constituir um universo de relações de força, também é um espaço de socialização irredutível à sua dimensão propriamente agonística. Destarte, tratando a empresa como um universo de relações sociais - o que chamamos de "mundo social" -, apresentamos uma tipologia geral que pretende descrever os modos gerais de funcionamento das empresas. Para construir essa tipologia, mobilizamos grande parte das pesquisas e dos dados coletados ao longo de mais de 10 anos de pesquisas em nosso centro. Assim, construímos cada tipo analisando a lógica interna das empresas analisadas, e as diferenciamos. A partir de então, comparamos os vários tipos e ressaltamos suas especificidades. Apresentamos também uma análise das transformações específicas que passam alguns modelos de empresa, e buscamos ressaltar suas causas conjunturais e internas. Concluímos apresentando considerações acerca da possibilidade da aplicação prática da tipologia aqui proposta para a gestão efetiva das empresas.

  8. Desigualdades sociais nas complicações da cesariana: uma análise hierarquizada Social inequalities in post-cesarean complication rates: a hierarchical analysis

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Paulo Fontoura Freitas

    2011-10-01

    Full Text Available Com objetivo de investigar associações entre fatores socioeconômicos e complicações da cesariana, uma amostra de 604 puérperas cujos partos ocorreram em duas maternidades no Sul do Brasil foi entrevistada 24 horas pós-parto e na segunda semana do puerpério, por meio de entrevistas hospitalares e domicilio. Regressão de Cox foi aplicada ao modelo hierárquico dos fatores associados ao tipo de parto e às complicações no pós-parto. Complicações foram duas vezes mais frequentes após cesariana, independentemente das condições socioeconômicas. Contudo, a maneira como o parto cesáreo se associou ao risco de complicações mostrou-se mediada pelas circunstâncias socioeconômicas representadas pela categoria do pré-natal e parto, ter ou não o mesmo profissional no pré-natal e parto e ter sua cesariana decidida intraparto. Resultados do estudo evidenciam que complicações pós-cirúrgicas da cesariana têm impacto adverso, principalmente, entre aquelas mulheres vivendo em condições sociais e de saúde menos privilegiadas, as quais, após o parto, retornam para um ambiente de menor suporte, com uma cicatriz abdominal.This study focused on the association between social factors and complications following cesarean sections. A sample of 604 women delivering in the two main maternity hospitals in a city in southern Brazil were interviewed 24 hours after delivery and two weeks postpartum, using in-hospital and home interviews. Cox regression was applied, using a hierarchical framework of factors associated with post-cesarean complications. Post-partum complications were twice as frequent after cesareans as compared to vaginal delivery, independently of socioeconomic conditions. However, the increased the risk of complications associated with cesarean section proved to be mediated by socioeconomic circumstances, as represented by prenatal and childbirth care in the public health system, not having the same physician throughout

  9. Fatores de risco e proteção para doenças crônicas: vigilância por meio de inquérito telefônico, VIGITEL, Brasil, 2007 Risk and protective factors for chronic non-communicable diseases: the VIGITEL telephone disease surveillance system, Brazil, 2007

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Erly Catarina Moura

    2011-03-01

    Full Text Available Este artigo descreve a prevalência de fatores de risco e proteção para doenças crônicas não transmissíveis, a partir dos dados de 2007 do sistema de monitoramento por inquérito telefônico - o VIGITEL. Foram avaliados 54.251 adultos das capitais de estados e do Distrito Federal, Brasil. Os homens apresentaram maior frequência de hábito de fumar, de excesso de peso, de consumo de refrigerantes e de carnes com gordura, de atividade física suficiente no tempo livre, de inatividade física no geral e de consumo abusivo de bebidas alcoólicas; as mulheres, de consumo regular e recomendado de frutas, legumes e verduras. Para os homens, no nível de maior escolaridade, a probabilidade de tabagismo reduz 42%, e a de consumo de carnes com gordura, 31%; as probabilidades de excesso de peso e de inatividade física aumentam, respectivamente, 86% e 42%; consumo recomendado de frutas, legumes e verduras atinge 89%; atividade física no tempo livre aumenta para 78%. Para as mulheres, a probabilidade de tabagismo reduz em 31%, excesso de peso, 26%, e consumo de carnes com gordura, 35%; inatividade física aumenta em 76%, atividade física no tempo livre, 77%, consumo regular de frutas, legumes e verduras, 48%, e recomendado, 75%.This article describes the prevalence of risk and protective factors for chronic non-communicable diseases in Brazil, using data collected in 2007 through the telephone disease surveillance system (VIGITEL. We evaluated 54,252 adults residing in Brazil's State capitals and Federal District. Men showed higher rates of smoking, overweight, consumption of soft drinks and fatty meat, sufficient leisure-time physical activity, sedentary lifestyle, and binge drinking; women showed higher consumption of fruits and vegetables. For men with more schooling, the probability of smoking decreased by 42% and consumption of fatty meat decreased by 31%; overweight increased 86%, sedentary lifestyle 42%, regular consumption of fruits and

  10. Fatores associados à não realização do exame de Papanicolaou: um estudo de base populacional no Município de Campinas, São Paulo, Brasil Factors associated with women's failure to submit to Pap smears: a population-based study in Campinas, São Paulo, Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Vivian Mae Schmidt Lima Amorim

    2006-11-01

    Full Text Available O objetivo deste estudo foi analisar a prevalência da não realização do exame de Papanicolaou segundo variáveis sócio-econômicas, demográficas e de comportamentos relacionados à saúde, em mulheres com 40 anos ou mais de idade, residentes no Município Campinas, São Paulo, Brasil. O estudo foi do tipo transversal, de base populacional em uma amostra de 290 mulheres. Os fatores associados à não realização do Papanicolaou, encontrados na análise multivariada, foram: ter de 40 a 59 anos, ser preta/parda, ter escolaridade de até 4 anos. Entre os motivos alegados por quem nunca realizou o Papanicolaou destacam-se: achar desnecessário (43,5%, sentir vergonha (28,1% e 13,7% por dificuldades relacionadas aos serviços. O SUS foi responsável por 43,2% dos exames de Papanicolaou realizados. Verificou-se a existência de discriminação racial e social na realização do exame, o que enfatiza a necessidade de intervenções que garantam melhor cobertura e atenção às mulheres mais vulneráveis à incidência e mortalidade por câncer do colo do útero.This study analyzes the prevalence of non-submittal to Pap smears according to socioeconomic, demographic, and health-related behavioral variables in women 40 years or older in Campinas, São Paulo State. This was a cross-sectional population-based study with a sample of 290 women. Based on multivariate analysis, factors associated with not having Pap smears were: age (40-59 years, race/ethnicity (black or mixed-race, and schooling (< 4 years. The following reasons were cited for not having Pap smears: considered unnecessary (43.5%, embarrassment (28.1%, and barriers related to health services (13.7%. The Unified National Health System performed 43.2% of the reported Pap smears. Health services should promote more equitable access to the health care system and improve the quality of care for women, since Pap smears are an effective tool against cervical cancer. The study confirmed that

  11. Prevalência do exame preventivo de câncer do colo do útero em Rio Branco, Acre, Brasil, e fatores associados à não-realização do exame Prevalence of uterine cervical cancer testing in Rio Branco, Acre State, Brazil, and factors associated with non-participation in screening

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria Fernanda de Sousa Oliveira Borges

    2012-06-01

    Full Text Available O objetivo do estudo foi determinar a prevalência autorreferida do exame preventivo de câncer do colo uterino em Rio Branco, Acre, Brasil, e avaliar fatores associados com a não realização do exame. Trata-se de estudo transversal de base populacional, composto por 772 mulheres de 18 a 69 anos residentes em Rio Branco, no período 2007 a 2008. Os dados foram analisados no programa Stata 10.0 e estimadas razões de prevalências a partir da regressão multivariada de Poisson. O percentual de mulheres na população alvo que relatou pelo menos um exame nos últimos três anos foi de 85,3%, com acentuada utilização do Sistema Único de Saúde (72,8%. Foram encontradas razões de prevalência estatisticamente significativas quanto à ausência do exame em mulheres de 18 a 24 anos, de 60 a 69 anos, solteiras, com menor renda e baixa escolaridade. As magnitudes encontradas nas razões de prevalência foram consistentes com achados de outros estudos, apontando maior necessidade de intervenção no grupo de mulheres mais vulneráveis à incidência e mortalidade por câncer do colo do útero.The objective of the study was to determine the self-reported prevalence of uterine cervical cancer testing in Rio Branco, Acre State, Brazil, and to analyze factors associated with non-participation in screening. A population-based cross-sectional study with a sample of 772 women 18 to 69 years of age and living in Rio Branco was conducted in 2007 and 2008. Data were analyzed with Stata 10.0, and prevalence rates were estimated with Poisson multivariate regression (95%CI. 85.3% of women reported at least one cervical cancer screening test in the previous three years. The majority of women (72.8% were screened in the Brazilian Unified National Health System. After adjusting for selected variables, statistically significant prevalence rates for absence of screening were found in women 18-24 and 60-69 years of age, single, and with low income and low schooling

  12. Fatores de risco para o desmame entre usuárias de uma unidade básica de saúde de Belo Horizonte, Minas Gerais, Brasil, entre 1980 e 2004 Risk factors for weaning among users of a primary health care unit in Belo Horizonte, Minas Gerais State, Brazil, from 1980 to 2004

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Claudia Regina Lindgren Alves

    2008-06-01

    Full Text Available O objetivo foi analisar comparativamente os fatores que interferiram na duração do aleitamento materno entre usuárias do Centro de Saúde São Marcos, Belo Horizonte, Estado de Minas Gerais, Brasil, em 1980, 1986, 1992, 1998 e 2004. Foram realizados cinco estudos longitudinais retrospectivos (coortes históricas, utilizando o mesmo questionário. Foram entrevistadas, no total, 790 mães de menores de 24 meses. A análise estatística foi feita, ano a ano, pelo método de Kaplan-Meier e modelo de Cox. Entre 1980 e 2004, as condições significativamente associadas ao risco de desmame foram: primiparidade, dificuldade para amamentar após o parto, conceito de tempo ideal de aleitamento materno menor que seis meses, início do aleitamento materno após a alta da maternidade, não reconhecimento das vantagens da amamentação para a criança e opinião paterna desfavorável, indiferente ou desconhecida sobre o aleitamento materno. Em quatro dos cinco estudos, ter tido dificuldade para amamentar (RR: 1,70-3,97 e considerar ideal amamentar por menos de seis meses (RR: 1,67-3,27 representaram maior risco de desmame. A duração mediana do aleitamento materno foi cinco meses em 1980 e 11 meses em 2004.This study was a comparative analysis of factors affecting duration of breastfeeding among users of the São Marcos primary care clinic in Belo Horizonte, Minas Gerais State, Brazil, in 1980, 1986, 1992, 1998, and 2004. Five retrospective longitudinal studies (historical cohorts were performed with the same questionnaire, and 790 mothers of children less than 24 months of age were interviewed. The statistical analysis was conducted year-by-year using the Kaplan-Meier method and Cox model. From 1980 to 2004, conditions significantly associated with risk of weaning were: primiparity; difficulty in postpartum breastfeeding; belief in ideal breastfeeding duration of less than six months; start of breastfeeding after discharge from the maternity hospital

  13. Socioeconomic, demographic and lifestyle factors associated with dietary patterns of women living in Southern Brazil Fatores sócio-econômicos, demográficos e de estilo de vida associados com padrões alimentares de mulheres residentes no Sul do Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Adriana Lenz

    2009-06-01

    Full Text Available This study focused on the association between dietary patterns and socio-demographic and lifestyle factors. A population-based cross-sectional study was performed in 1,026 adult women from Southern Brazil. Dietary patterns were identified using principal components analysis. In the multivariable analysis, a Poisson regression model was used to estimate the prevalence ratio and 95%CI. Wealthier women were more likely to follow healthy diets. A Low Cost Healthy Diet was more prevalent among women with a partner, and a High Cost Healthy Diet was more prevalent among women not currently working and who exercised regularly. Women with lower education levels were less likely to follow a Low Cost Healthy Diet, but more likely to follow the Higher-Risk Low Cost Diet. The Low Cost Higher-Risk Diet was more prevalent among women with a lower income. Low and medium cost healthy diets were positively associated with age. The results showed that women's dietary choices are influenced by socioeconomic factors and are not only dependent on food prices.Para identificar fatores relacionados com padrões alimentares, realizou-se um estudo transversal de base populacional com uma amostra de 1.026 mulheres entre 20 a 60 anos, no Sul do Brasil. Os padrões alimentares foram identificados com análise de componentes principais. Razões de prevalência e intervalos de 95% de confiança foram calculados com regressão de Poisson. Após ajustamento, os padrões alimentares saudáveis foram mais prevalentes em mulheres com melhor escolaridade e classe econômica. Padrão Saudável de Baixo Custo foi mais prevalente entre mulheres casadas/união e Padrão Saudável de Alto Custo naquelas que não trabalhavam e tinham atividade física regular. Mulheres com baixa escolaridade foram menos prováveis de seguir o Padrão Saudável de Baixo Custo, e sim mais prováveis de seguir Padrão de Risco de Baixo Custo. O Padrão de Risco de Baixo Custo também foi mais prevalente

  14. Acceptability of emergency contraception in Brazil, Chile, and Mexico. 2 - Facilitating factors versus obstacles Aceitabilidade da anticoncepção de emergência no Brasil, Chile e México. 2 - Fatores que poderiam facilitar ou dificultar sua introdução

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Soledad Díaz

    2003-12-01

    Full Text Available A multi-center study was performed in Brazil, Chile, and Mexico to identify factors that may facilitate or hinder the introduction of emergency contraception (EC as well as perceptions concerning emergency contraceptive pills. Background information on the socio-cultural, political, and legal context and the characteristics of reproductive health services was collected. The opinions of potential users and providers were obtained through discussion groups, and those of authorities and policymakers through semi-structured interviews. Barriers to introduction included: perception of EC as an abortifacient, opposition by the Catholic Church, limited recognition of sexual and reproductive rights, limited sex education, and insensitivity to gender issues. Facilitating factors were: perception of EC as a method that would prevent abortion and pregnancy among adolescents and rape victims; interest in the method shown by potential users as well as by some providers and authorities. It appears possible to reduce barriers through support from segments of society committed to improving sexual and reproductive health and adequate training of health care providers.Foram identificados fatores que poderiam facilitar ou dificultar a introdução da anticoncepção de emergência (AE no Brasil, Chile e México. Foram levantadas informações sobre o contexto sócio-cultural, político e legal bem como sobre as características dos serviços da saúde reprodutiva. As opiniões de potenciais usuários e possíveis provedores foram obtidas por meio de grupos de discussão, e as das autoridades e outras pessoas influentes por intermédio de entrevistas semi-estruturadas. Os obstáculos incluíram: percepção da AE como abortiva; oposição da Igreja Católica; pouco reconhecimento dos direitos sexuais e reprodutivos; pouca educação sexual; e falta de sensibilidade frente às questões de gênero. Os facilitadores foram: percepção da AE como um método que

  15. Desigualdades socioeconômicas e demográficas como fatores de risco para a artrite autorreferida: estudo de base populacional em adultos no Sul do Brasil Socioeconomic and demographic inequalities as risk factors for self-reported arthritis: a population-based study in southern Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rafael Santos Gomes

    2012-08-01

    Full Text Available Estimar a prevalência de artrite ou reumatismo autorreferido e os fatores associados. Realizou-se um estudo transversal de base populacional em Florianópolis, Santa Catarina, Brasil, com 1.720 adultos entre 20 e 59 anos. A presença de artrite ou reumatismo autorreferido foi analisada por meio do modelo hierárquico de determinação no nível demográfico, socioeconômico, comportamental e uso de serviços de saúde. Utilizou-se análise de regressão logística para avaliar a associação entre as variáveis. A prevalência de artrite ou reumatismo autorreferido foi de 7,7% (IC95%: 6,4-8,9. A chance de artrite ou reumatismo autorreferido foi duas vezes maior entre as mulheres, maior entre aqueles com índice de massa corporal (IMC > 30kg/m²,diretamente proporcional à idade e inversamente proporcional à escolaridade. A prevalência de artrite ou reumatismo autorreferido foi maior do que a estimativa nacional no ano de 2008. Essa realidade sugere a necessidade de um planejamento de políticas públicas voltado para esse agravo de saúde.The study aimed to estimate prevalence of self-reported arthritis or rheumatism and associated factors. This was a cross-sectional population-based study in Florianopolis, Santa Catarina State, Brazil, with 1,720 adults ranging from 20 to 59 years of age. Presence of self-reported arthritis or rheumatism was analyzed with a hierarchical approach, considering demographic, socioeconomic, and behavioral variables and use of health services. Logistic regression was used to evaluate the association between the outcome and independent variables. Prevalence of self-reported arthritis or rheumatism was 7.7% (95%CI: 6.4-8.9. The odds of self-reported arthritis were twice as high in women, and increased self-reported arthritis was directly associated with BMI > 30kg/m² and increasing age and inversely proportional to schooling. Self-reported arthritis or rheumatism was higher in this sample than in Brazilian adults

  16. Socioeconomic, demographic and nutritional factors associated with maternal weight gain in general practices in Southern Brazil Fatores socioeconômicos, demográficos e nutricionais associados com ganho de peso gestacional em unidades básicas de saúde no Sul do Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Michele Drehmer

    2010-05-01

    Full Text Available In order to describe adequacy of weight gain during pregnancy and its association with pre-pregnancy nutritional status and other factors, a cohort study of pregnant women enrolled at 16-36 weeks of gestation and followed up until delivery was carried out in prenatal care in primary care services in Rio Grande do Sul State, Brazil. Maternal weight was recorded at each prenatal care visit. Weight gain was classified as "adequate," "insufficient" or "excessive" (Institute of Medicine. Poisson regression was used to measure the associations. The sample was comprised of 667 women, and insufficient and excessive weight gain incidences were 25.8% and 44.8%, respectively. Overweight and obese before pregnancy had a significant increased risk of excessive weight gain in pregnancy (RR: 1.75; 95%CI: 1.48-2.07, RR: 1.55; 95%CI: 1.23-1.96, respectively. Women with fewer than six prenatal visits had a 52% increased risk for weight gain below recommended values. Although insufficient weight gain may still be a public health problem, excessive gain is becoming a concern that needs immediate attention in prenatal care.Para caracterizar o ganho ponderal gestacional e sua associação com estado nutricional pré-gestacional e fatores relacionados à gravidez, realizou-se estudo de coorte com gestantes arroladas consecutivamente entre a 16ª e a 36ª semanas, e seguidas até o parto em serviços da rede básica de saúde do Estado do Rio Grande do Sul, Brasil. Informações do peso da gestante em cada consulta de pré-natal foram obtidas. Ganho de peso foi classificado conforme o Instituto de Medicina dos Estados Unidos. Regressão de Poisson com variância robusta foi utilizada. Incidências de ganho de peso insuficiente e excessivo das 667 gestantes foram de 25,8% e 44,8%, respectivamente. Gestantes com sobrepeso e obesidade pré-gestacional apresentaram risco para ganho ponderal excessivo (RR: 1,75; IC95%: 1,48-2,07 e RR: 1,55; IC95%: 1,23-1,96. Gestantes com

  17. Fatores associados à perda funcional em idosos residentes no município de Maceió, Alagoas Factores asociados a la pérdida funcional en ancianos residentes en el municipio de Maceió, Noreste de Brasil Factors associated with functional loss in the elderly living in the city of Maceió, Northeastern Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria do Desterro da Costa e Silva

    2011-12-01

    Full Text Available OBJETIVO: Identificar fatores associados à perda funcional em idosos residentes na zona urbana. MÉTODOS: Foi realizado estudo de delineamento transversal com amostra populacional de 319 idosos do município de Maceió, AL, em 2009. Para os dados de comprometimento funcional foi utilizada a escala Functional Brazilian Older American Resources and Services Multidimensional Functional Assessment Questionnaire. Foi utilizada análise descritiva, qui-quadrado e análise de regressão para razão de prevalência bruta, sendo o nível de significância adotado de p OBJETIVO: Identificar factores asociados a la pérdida funcional en ancianos residentes en la zona urbana. MÉTODOS: Se realizó estudio de delineamiento transversal con muestra poblacional de 319 ancianos del municipio de Maceió, Noreste de Brasil, en 2009. Para los datos de comprometimiento funcional fue utilizada la escala Functional Brazilian Older American Resources and Services Multidimensional Functional Assessment Questionnaire. Se utilizó análisis descriptivo, chi-cuadrado y análisis de regresión para coeficiente de prevalencia bruto, siendo el nivel de significancia adoptado de pOBJECTIVE: To identify factors associated with functional loss in older adults living in the urban area. METHODS: A cross-sectional study was carried out with a population-based sample of 319 elderly individuals from the municipality of Maceió (Northeastern Brazil, in 2009. To obtain the functional impairment data the Brazilian Older Americans Resources and Services Multidimensional Functional Assessment Questionnaire was used. A descriptive analysis, the chi-square test and a regression analysis for crude prevalence ratio were used, and the significance level that was adopted was p <0.05. RESULTS: The majority of participants were females (65.8% and the mean age was 72 years (SD = 8.83. The prevalence of moderate/severe impairment was 45.5%, and the associated factors were being 75 years old or

  18. Factors associated with weight loss dieting among adolescents: the 11-year follow-up of the 1993 Pelotas (Brazil birth cohort study Fatores associados à realização de regime de emagrecimento entre adolescentes: a visita de 11 anos da coorte de nascimentos de Pelotas, Rio Grande do Sul, Brasil, 1993

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Samanta W. Madruga

    2010-10-01

    Full Text Available Evidence has shown the negative effects of unsupervised diets and those with excessive calorie restriction. The aim of this study was to determine the proportion of adolescents engaging in weight loss dieting and associated factors. This was a cross-sectional study of 4,452 adolescents born in Pelotas, Rio Grande do Sul State, Brazil, in 1993. The outcome was defined as adolescents that reported having practiced some type of weight loss dieting in the previous 12 months. Prevalence of such dieting was 8.6% (95%CI: 7.7;9.4, and was higher in girls. Elevated maternal body mass index (BMI was associated with dieting among girls. The adolescent's and parents' view of the adolescent's weight, excess weight, and consumption of diet or light soft drinks were associated with adolescent dieting. There was a positive association between dieting and socioeconomic status. The findings provide important backing for policies aimed at improving adolescents' diet, since they express a major concern over weight and thus a significant percentage of individuals with erroneous and unhealthy behaviors.Evidências mostram efeitos negativos de dietas sem orientação e de alta restrição calórica. O objetivo do estudo foi determinar o percentual de adolescentes que realizaram regime de emagrecimento e os fatores associados a este comportamento. Estudo transversal incluindo 4.452 nascidos em Pelotas, Rio Grande do Sul, Brasil, no ano de 1993. Os adolescentes que relataram ter feito algum tipo de regime com a finalidade de emagrecimento nos últimos 12 meses foram positivos ao desfecho. A freqüência de realização de regime foi de 8,6% (IC95%: 7,7;9,4, sendo maior entre as meninas. O índice de massa corporal (IMC materno elevado associou-se à realização de regime entre meninas. O sentimento do adolescente e dos pais em relação ao peso do jovem, o excesso de peso e o consumo de refrigerantes diet/light mostraram-se associados ao desfecho. Encontrou-se associa

  19. Fatores associados ao início da vida sexual de adolescentes matriculados em uma unidade de saúde da família da zona leste do Município de São Paulo, Brasil Factors associated with sexual debut among adolescents enrolled in a family health unit in East Side São Paulo, Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ana Luiza Vilela Borges

    2007-07-01

    Full Text Available Com o objetivo de analisar os aspectos individuais e familiares associados ao início da vida sexual, foram entrevistados, entre junho e dezembro de 2002, 383 adolescentes solteiros entre 15 e 19 anos de idade, residentes na área de abrangência de uma unidade de saúde da família da zona leste do Município de São Paulo, Brasil. Os dados foram analisados por meio de regressão logística múltipla separadamente para homens e mulheres. Os resultados mostraram que o namoro e a idade foram associados ao início da vida sexual dos adolescentes. No entanto, somente entre os homens, observou-se como fatores associados variáveis relacionadas aos pais e mães e, apenas entre as mulheres, variáveis relacionadas à propriedade do domicílio e aos irmãos. Dessa forma, o namoro e as questões familiares, tais como os valores parentais no tocante às práticas sexuais de adolescentes e a presença de irmão(ã que já passou por gravidez antes de uma união, são aspectos que necessitam ser incorporados na formulação de políticas de saúde reprodutiva e sexual voltadas aos adolescentes, pois mostraram ser determinantes na iniciação sexual dos jovens entrevistados.This study aimed to analyze the individual and family factors associated with sexual debut among adolescents. From June to December 2002, a cross-sectional study was conducted with 383 15-19-year-old single adolescents enrolled in a family health unit on the East Side of the city of São Paulo, Brazil. Multiple logistic regression analysis was conducted separately for males and females. Dating and age were positively associated with sexual debut for both boys and girls. Parental factors were only associated with male sexual debut, while factors related to siblings and housing were only associated with female sexual debut. Thus, dating and family factors like parents' opinions on sexual practices in adolescence and having a sibling with a history of teenage pregnancy are aspects that need

  20. Aspectos sócio-econômicos da desnutrição no Brasil Socio-economic aspects of subnutrition in Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Antonio Carlos Coelho Campino

    1986-02-01

    Full Text Available Objetiva-se mostrar os fatores sócio-econômicos que têm sido identificados como os principais determinantes da situação nutricional de um país. Conclui-se que a renda é o fator isoladamente mais importante na determinação do estado nutricional, mas uma vez fixada esta variável, outros fatores - tais como extensão do sistema de atendimento de saúde, nível educacional, programa de alimentação - também desempenham um papel relevante. Procura-se avaliar, empiricamente, com base em pesquisas até agora realizadas, quais seriam os determinantes da situação nutricional para o Brasil. Evidencia-se a hipótese, esperada na literatura, de que a renda é o fator mais importante, e, dado esta, também no caso brasileiro surgem como fatores relevantes o acesso a serviços de saúde e saneamento. Em face disto, discutem-se algumas alternativas de uma política de nutrição, mostrando-se a magnitude da redistribuição de renda necessária para cobrir o hiato nutricional e debatendo-se o papel dos programas de alimentação e nutrição, na forma em que foram explicitados no Programa de Prioridades Sociais do atual Governo.It is proposed here to offer a general view of the social and economic factors that have been identified as the main determinants of a country's nutritional situation. The conclusion is reached that income, considered in isolation, is the most important factor in determining the nutritional condition, but once this variable is fixed, other factors such as the extent of the health attendance system, educational level, food and nutrition programs - also play an important part. An attempt is made impirically to decide, which are the determinants of the nutritional situation for Brazil, in the light of previous research. It becomes evident, as the literature leads one to expect that income is the most important factor, and once that is established as true for the case of Brazil too, there also appear as relevant factors ease

  1. The frequency of β-globin gene haplotypes, α-thalassemia and genetic polymorphisms of methylenetetrahydrofolate reductase, factor V Leiden and prothrombin genes in children with sickle cell disease in Rio de Janeiro, Brazil Frequência dos haplótipos da globina beta, da talassemia alfa e dos polimorfismos genéticos dos genes da metilenotetrahidrofolato redutase, do fator V Leiden e da protrombina em crianças com doença falciforme no Rio de Janeiro, Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Isaac L. Silva Filho

    2010-02-01

    Full Text Available A freqüência dos haplótipos beta S e beta C do gene da globina e a prevalência de talassemia alfa e de mutações nos genes da metilenotetrahidrofolato redutase (MTHFR-C677T, do fator V de Leiden e da protrombina (G20210A foi estudada em crianças com doença falciforme do Rio de Janeiro. O haplótipo Bantu foi o mais freqüente (65,9%, 21,2% das crianças (18% heterozigotas e 3% homozigotas apresentam talassemia com mutação alfa 3.7kb, ao contrário da mutação alfa 4.2kb que não foi encontrada. Os alelos 677CT e 677TT da MTHFR foram observados em 20,2% e 4,8%, respectivamente. Os haplótipos Camarões, Árabe-Indiano e Senegal não foram detectados na amostra estudada, bem como mutações no gene do fator V de Leiden e da protrombina. Somente o haplótipo beta C CI foi observado. Esse é o primeiro estudo realizado em uma amostra proveniente do Programa de Triagem Neonatal para Hemoglobinopatias do estado do Rio de Janeiro. Apesar do Rio de Janeiro ser a segunda maior cidade brasileira e seus habitantes expressarem o elevado grau de miscigenação ocorrida no país, nossos resultados ainda coincidem com os registros históricos dos fluxos migratórios do gene beta S para o Brasil, bem como refletem a forte influência de indivíduos de origem africana na população do Rio de Janeiro.

  2. Papéis sociais e envelhecimento em uma perspectiva de curso de vida

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Iolete Ribeiro da Silva

    Full Text Available Este trabalho investigou os papéis sociais e as tarefas evolutivas desempenhados por adultos. O local escolhido para investigação foi um assentamento de famílias de baixa renda do Distrito Federal criado em 1989. Utilizou-se um questionário contendo 17 questões abertas e 15 questões fechadas, preenchido pela primeira autora durante uma visita domiciliar. Participaram 98 respondentes (73 F e 25 M, sendo 51 entre 50 e 59 anos e 47 a partir de 60 anos. Os resultados apontaram que este grupo é heterogêneo e que seus papéis sociais são influenciados pelas variáveis demográficas (idade, sexo, escolaridade, ocupação, naturalidade e estado civil e também pelas variáveis relativas à moradia atual. Concluiu-se também que as expectativas sociais, o suporte social e a escolarização são fatores de suma importância para oferecer recursos para a otimização e compensação necessárias a um envelhecimento bem sucedido.

  3. HABILIDADES SOCIAIS DE PROFESSORES E NÃO PROFESSORES: COMPARANDO ÁREAS DE ATUAÇÃO/ SOCIAL ABILITIES OF PROFESSORS AND NON-PROFESSORS: COMPARISON OF ACTION AREAS/ HABILIDADES SOCIALES DE PROFESORES Y NO PROFESORES: UNA COMPARACIÓN ENTRE ÁREAS DE ACTUACIÓN

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Adriana Benevides Soares

    2011-12-01

    Full Text Available O objetivo deste trabalho foi comparar os repertórios de habilidades sociais dos profissionais professores e não professores, e comparar as áreas de atuação desses profissionais. Participaram da amostra 527 profissionais de ambos os sexos. Foi aplicado o Inventário de Habilidades Sociais definido por Del Prette (2001. Os principais resultados foram os seguintes: não houve diferenças de habilidades sociais entre professores relativos à área de atuação. Quanto aos profissionais não professores os mais habilidosos são os das ciencias agrárias para o fator de enfrentamento com risco (Fator 1, e para os fatores conversacao e desenvoltura social (Fator 3 e ainda para o de auto-exposicao a desconhecidos ou a situacoes novas (Fator 4 os mais habilidosos foram os das ciencias humanas. Entre professores e não profesores encontrou-se que os profissionais das ciencias agrárias são mais habilidosos que os demais no Fator 1. Nos Fatores 2 (habilidade de auto-afirmacao na expressao do afeto positivo, 3, 4 e IHS total são os professores de ciências humanas os que têm melhor repertório em IHS.

  4. Sobre o conceito de redes sociais e seus pesquisadores

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Sônia Cristina Vermelho

    2015-01-01

    Full Text Available Este artigo é resultado de pesquisa realizada entre os anos de 2011 e 2013, cujo tema foi redes sociais. O problema de pesquisa era identificar o perfil da produção bibliográfica brasileira sobre o referido tema e possibilidades para uso desse espaço na promoção da saúde. Por se tratar de pesquisa de cunho exploratório e descritivo, não foram estabelecidas hipóteses iniciais. O estudo teórico permitiu identificar relações históricas do conceito com as ciências naturais e também com estudos da antropologia e da filosofia; porém evidenciou uma contradição em relação ao conceito de rede social e à experiência individual e coletiva na sociedade atual. Numa segunda etapa, identificaram-se os grupos de pesquisa no Brasil que investigam temáticas relacionadas com as redes sociais. Sinteticamente, o resultado em relação a tais grupos mostrou que as áreas de conhecimento predominantes foram a comunicação (39,7% e educação (33,3%. Quanto à região, houve predominâncias de grupos instalados no sudeste (44,2% e, em termos de instituição, uma predominância da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (17,4% e da Universidade de São Paulo (13,9%. Dos temas descritos em cada um dos grupos, as categorias analíticas “Questões econômicas e sociais” (9,7% e “Transformações sociais e culturais” (9% apresentaram significância em relação às demais, mostrando um perfil das pesquisas brasileiras com forte componente social.

  5. Habilidades sociais e problemas de comportamento de alunos com deficiência mental, alto e baixo desempenho acadêmico Social skills and behavior problems in students with mental retardation, high and low academic performance

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Andréa Regina Rosin-Pinola

    2007-08-01

    Full Text Available As habilidades sociais vêm sendo amplamente reconhecidas como importante componente do processo de escolarização especialmente dos alunos com deficiência mental. A revisão da literatura evidencia escassez de pesquisas que focalizam a inclusão desses alunos no sistema regular de ensino. Considerando tal situação, este estudo teve como objetivos: avaliar e comparar o desempenho social (habilidades sociais e problemas de comportamento e acadêmico de alunos, com deficiência mental, incluídos, em relação a seus colegas de alto e baixo rendimento acadêmico (AR e BR, respectivamente. Trinta professores avaliaram 120 alunos (40 com deficiência mental incluídos no ensino regular, 40 AR e 40 AR da pré-escola à oitava série por meio do Sistema de Avaliação de Habilidades Sociais, na sua versão adaptada para o Brasil (SSRS-BR por BANDEIRA et al. (s.d.. Os dados foram analisados estatisticamente e os resultados mostraram que: no desempenho acadêmico, os três grupos diferenciaram-se significativamente, com o AR mais positivamente avaliado, seguido pelo BR e depois pelo DM; nas habilidades sociais, AR apresentou escore acima da média normativa diferenciando de BR e DM, estes somente se diferenciaram nos fatores de Assertividade e Autodefesa; nos problemas de comportamento, AR apresentou escore abaixo da média normativa, diferenciando-se dos dois outros grupos; que não se diferenciaram. As evidências de dificuldades acadêmicas e interpessoais, tanto do grupo BR como DM, sugerem concomitância destas variáveis e aponta similaridades nas necessidades educativas desses dois grupos, o que reforça a importância das habilidades sociais para o sucesso e a inclusão escolar.Social skills have been widely recognized as important components of the schooling process, especially for students with mental deficiency. A review of the literature has shown scant research focusing on these students' inclusion in the regular school system

  6. "Sou policial, mas sou mulher" : gênero e representações sociais na Polícia Militar de São Paulo

    OpenAIRE

    Marcos Santana de Souza

    2014-01-01

    Resumo: A presença feminina em instituições militares, seja nas Forças Armadas ou nas policias, tem emergido como um tema de estudo em expansão no Brasil, particularmente no campo das ciências sociais. Concentrada em refletir sobre os aspectos objetivos e simbólicos que marcam o trabalho feminino em espaços tradicionalmente masculinos, esta tese analisa as representações sociais de policiais militares a respeito do emprego de mulheres na Polícia Militar de São Paulo. Este estudo, portanto, bu...

  7. Ativismo LGBT na imprensa brasileira: análise crítica da representação de atores sociais na Folha de S. Paulo

    OpenAIRE

    Iran Ferreira de Melo

    2013-01-01

    Esta tese relata a produção intelectual e metodológica da pesquisa intitulada Ativismo LGBT na imprensa brasileira: análise crítica da representação de atores sociais na Folha de S. Paulo. Tal estudo consiste na análise de como homossexuais lésbicas e gays , bissexuais e pessoas transgêneras travestis, transexuais e intersexuais (LGBT), indivíduos historicamente excluídos de seus direitos sociais, são representados/as no jornal impresso de maior circulação do Brasil, a Folha de S. Paulo. O...

  8. Prevalence and associated risk factors for Giardia lamblia infection among children hospitalized for diarrhea in Goiânia, Goiás State, Brazil Prevalência e fatores de risco associados à infecção por Giardia lamblia em crianças hospitalizadas com diarréia em Goiânia, Goiás, Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria das Graças Cabral Pereira

    2007-06-01

    Full Text Available The objective of this study was to determine the prevalence and to identify risk factors associated with Giardia lamblia infection in diarrheic children hospitalized for diarrhea in Goiânia, State of Goiás, Brazil. A cross-sectional study was conducted and a comprehensive questionnaire was administered to the child's primary custodian. Fixed effects logistic regression was used to determine the association between infection status for G. lamblia and host, sociodemographic, environmental and zoonotic risk factors. A total of 445 fecal samples were collected and processed by the DFA methodology, and G. lamblia cysts were present in the feces of 44 diarrheic children (9.9%. A variety of factors were found to be associated with giardiasis in these population: age of children (OR, 1.18; 90% CI, 1.0 - 1.36; p = 0.052, number of children in the household (OR 1.45; 90% CI, 1.13 - 1.86; p = 0.015, number of cats in the household (OR, 1.26; 90% CI, 1.03 -1.53; p = 0.059, food hygiene (OR, 2.9; 90% CI, 1.34 - 6.43; p = 0.024, day-care centers attendance (OR, 2.3; 90% CI, 1.20 - 4.36; p = 0.034, living on a rural farm within the past six months prior hospitalization (OR, 5.4; CI 90%, 1.5 - 20.1; p = 0.03 and the number of household adults (OR, 0.59; 90% CI, 0.42 - 0.83; p = 0.012. Such factors appropriately managed may help to reduce the annual incidence of this protozoal infection in the studied population.O objetivo desse estudo foi estimar a prevalência e identificar fatores de risco associados à infecção por Giardia lamblia em crianças hospitalizadas com diarréia no município de Goiânia, Estado de Goiás, Brasil. Foi realizado um estudo transversal e um questionário estruturado foi administrado ao responsável pela criança. Análise multivariada foi realizada por meio de regressão logística para se determinar a associação entre infecção por G. lamblia e as variáveis sociodemográficas, ambientais e zoonóticas relacionadas ao

  9. Estudo médico-social dos fatores contribuintes para os acidentes das aeronaves executivas convencionais registrados entre 1971 e 1975, no Estado de São Paulo, Brasil: I - Época e hora da ocorrência e principal fator contribuinte Medico-social study of factors related to aircraft accidents with light planes occurred during the period of 1971 to 1975, S. Paulo, Brazil: I - The month and hour of the occurrence and the principal contributing factor

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Affonso Renato Meira

    1978-06-01

    Full Text Available Em estudo sobre os acidentes aeronáuticos ocorridos de 1971 à 1975 com aeronaves executivas convencionais na área do IV Comando Aéreo Regional, foram analisados diversos fatores contribuintes para esse fato. Foram examinados a época da ocorrência e o principal fator contribuinte, concluindo-se que o período do dia em que se verificou maior número de acidentes foi à tarde entre 14 e 18 h., e que o fator operacional, devido ao piloto, está associado estatisticamente com a ocorrência dos acidentes. Não foi possível comprovar maior índice de ocorrência de acidentes com referência aos meses do ano.Studying the aircraft accidents occurred with light planes during the period of 1971 to 1975 in the area of the IV Comar in the State of S. Paulo, Brazil, several factors related with accidents were analyzed. Among these the month and hour of the occurrence and the principal factor that contributed to the accident were studied. It was found that the majorit of the aircraft accidents occurred from 2 P.M. to 6 P.M. and that the main factor that contributed to the occurrence of the accidents was linked with the pilots' attitudes. It was not possible to establish an association of the accident with the month of occurrence.

  10. Determinantes sociais da iniciação sexual precoce na coorte de nascimentos de 1982 a 2004-5, Pelotas, RS Determinantes sociales de la iniciación sexual precoz en la cohorte de nacimientos de 1982 a 2004-5, Pelotas, Sur de Brasil Determinants of early sexual initiation in the Pelotas birth cohort from 1982 to 2004-5, Southern Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Helen Gonçalves

    2008-12-01

    Full Text Available OBJETIVO: Analisar determinantes sociais da iniciação sexual precoce de jovens pertencentes a uma coorte de nascimentos. MÉTODOS: Foram entrevistados em 2004-5 os indivíduos da coorte de nascimentos de Pelotas (RS, em 1982 (N=4.297. A iniciação sexual precoce (OBJETIVO: Analizar las determinantes sociales de la iniciación sexual precoz de jóvenes pertenecientes a una cohorte de nacimientos. MÉTODOS: Fueron entrevistados en 2004-5 los individuos de la cohorte de nacimientos de Pelotas (Sur de Brasil, en 1982 (N= 4.297. La iniciación sexual precoz (OBJECTIVE: To analyze social determinants of early sexual initiation among young adults from a birth cohort. METHODS: Individuals from the 1982 birth cohort (N=4,297 were interviewed in 2004-5, city of Pelotas, Southern Brazil. Early sexual initiation (<13 years of age was the outcome. Descriptive and stratified analyses were performed according to sex. Variables analyzed were family income in 1982, ethnicity, young adult's level of education and change in income (between 1982 and 2004-5. Ethnographic data were used to complement result analysis. RESULTS: Prevalence of early sexual initiation was higher among black and mixed men, and those with low level of education and low family income in 1982 and 2004-5. More traditional male sexual role requirements, such as virility and sexual initiative, showed more repercussion and adherence from an early age among men. Young family women with higher income and level of education tended to delay their sexual initiation. Imposition of traditional values was found to influence early sexual initiation among men and women with lower level of education and income. CONCLUSIONS: Results found re-established the economic factor as a determinant of behavior or uses of sexuality for both sexes. To focus on political efforts that help the economically disadvantaged to have opportunities and egalitarian future perspectives is an important strategy for health

  11. Fatores sócio-econômicos e atitudes em relação à prevenção domiciliar da leishmaniose tegumentar americana, em uma área endêmica do sul da Bahia, Brasil Socioeconomic factors and attitudes towards household prevention of American cutaneous leishmaniasis in an endemic area in southern Bahia, Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    João Barberino Santos

    2000-09-01

    Full Text Available Foi realizado um inquérito visando identificar condições sócio-econômicas e atitudes de uma população em relação à prevenção domiciliar da LTA, na localidade de Corte de Pedra, Município de Tancredo Neves, área endêmica do sul da Bahia, Brasil. O questionário foi aplicado em julho de 1997, com perguntas sobre aspectos sociais e econômicos, hábitos e atitudes da população em relação à prevenção contra a picada de artrópodos. Foram entrevistadas 100% das famílias habitantes da área selecionada, distribuídas em 168 moradias, correspondendo a 851 pessoas. Cerca de 66,7% das famílias percebem um ou menos de um salário mínimo mensal para o sustento de uma média de 5,1 moradores por residência. A maioria das famílias (57,2% não usa qualquer tipo de proteção. O meio de prevenção mais comum é a fumegação pela incineração de diversos tipos de materiais. As medidas de proteção individual são raramente usadas. Uma vez que na área de estudo têm sido relatadas evidências de transmissão intra e peridomiciliar de LTA, o uso de mosquiteiros impregnados com inseticida seria uma alternativa à proteção intradomiciliar.A survey was conducted to identify socioeconomic conditions and attitudes towards household prevention of American cutaneous leishmaniasis in Corte de Pedra, located in the county of Tancredo Neves, an endemic region in southern Bahia, Brazil. A questionnaire was applied in July 1997, focusing on social and economic variables, habits, and attitudes towards prevention of arthropod bites. All families (100% living in the study area were surveyed, comprising 168 households with 851 individuals. Approximately 66.7% of the families earned up to one minimum wage, supporting an average of 5.1 residents per household. Most (57.2% of the families did not use any type of protection against bites. Fumigation by burning various types of materials was the most customary form of prevention. Individual

  12. Fatores de motivação de trabalhadores das classes sociais C, D e E.

    OpenAIRE

    Angelo, Evandro Schimming Smith

    2010-01-01

    Neste trabalho foram desenvolvidas duas estruturas multifatoriais de motivações que, baseadas nas teorias de conteúdo e processo, têm como objetivo avaliar a importância que o trabalhador atribui para a satisfação de suas necessidades e sobre as características que são importantes para o estabelecimento das metas dentro da organização. Nesse sentido, foi elaborado um instrumento de pesquisa (questionário), o qual foi aplicado em campo, com o retorno de 653 respondentes, pertenc...

  13. AS PESQUISAS EM REPRESENTAÇÕES SOCIAIS NA REVISTA PSICOLOGIA & SOCIEDADE

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Julio Cesar Cruz Collares-da-Rocha

    Full Text Available RESUMO Nosso objetivo foi caracterizar os artigos sobre a Teoria das Representações Sociais (TRS publicados na revista Psicologia & Sociedade entre 1996 e 2015, analisando: (a tipo de artigo; (b instituição do primeiro autor; (c localização geográfica do primeiro autor; (d área de conhecimento do primeiro autor; e (e temas do objeto de pesquisa em 55 artigos. Houve um aumento substancial dos artigos publicados comparando as duas décadas investigadas, passando de 14, na primeira, para 41 na segunda. Predominaram artigos empíricos (83,6% do total, em especial na segunda década pesquisada. Autores do Sudeste e Nordeste do Brasil representaram mais da metade da produção total. Mais de 20% das publicações tiveram como primeiro autor pesquisadores atuando fora do Brasil. Foi encontrada forte variação de escolha das temáticas pesquisadas, destacando-se os temas saúde, cultura e grupos sociais. A revista Psicologia & Sociedade revelou-se veículo para pesquisas empíricas com a TRS.

  14. Emigração internacional de brasileiros para os Estados Unidos: as redes sociais e o papel de intermediação nos deslocamentos exercido pelas agências de turismo Emigración internacional de brasileños a los Estados Unidos: las redes sociales y el papel de intermediación en los desplazamientos, ejercido por las agencias de turismo International emigration of Brazilians to the United States: social networks and the role of mediation exercised by tourist agencies

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Dimitri Fazito

    2008-12-01

    Full Text Available Este trabalho tem como objetivo principal descrever o papel dos "mecanismos intermediários" (em especial o papel ativo das agências de turismo no processo de emigração internacional de brasileiros para os EUA. Ao propor uma perspectiva relacional para o entendimento do fenômeno migratório, procedeuse a uma análise estrutural formal (fundamentada na Análise de Redes Sociais e Teoria dos Grafos que possibilitasse a compreensão da emigração por meio de suas propriedades estruturais básicas. As agências de turismo ocupam importante posição estrutural de intermediação das travessias dos emigrantes, desempenhando papel preponderante na regulação dos fluxos migratórios através das redes sociais estabelecidas no sistema da migração internacional brasileira.Este trabajo tiene como objetivo principal describir el papel de los "mecanismos intermediarios" (en especial el papel activo de las agencias de turismo en el proceso de emigración internacional de brasileños a los EEUU. Al proponer una perspectiva relacional para el entendimiento del fenómeno migratorio, se procedió a un análisis estructural formal (fundamentado en el Análisis de Redes Sociales y Teoría de los Grafos que posibilitase la comprensión de la emigración por medio de sus propiedades estructurales básicas. Las agencias de turismo ocupan una importante posición estructural de intermediación de las travesías de los emigrantes, desempeñando un papel preponderante en la regulación de los flujos migratorios a través de las redes sociales establecidas en el sistema de la migración internacional brasileña.This article analyzes the role of "intermediary mechanisms" (especially the active role of tourist agencies in the international emigration process of Brazilians to the USA. First a dynamic and relational approach to the understanding of the migration phenomenon is established. Next, a formal structural analysis (grounded on Social Network Analysis and

  15. A obesidade e sua associação com os demais fatores de risco cardiovascular em escolares de Itapetininga, Brasil La obesidad y su asociación con los demás factores de riesgo cardiovascular en escolares de Itapetininga, Brasil Obesity and its association with other cardiovascular risk factors in school children in Itapetininga, Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Abel Pereira

    2009-09-01

    Full Text Available FUNDAMENTO: A escassez de dados sobre a obesidade infantil e o risco cardiovascular no Brasil. OBJETIVO: Determinar a prevalência de hipertensão, dislipidemia, obesidade e suas correlações em uma amostra de escolares de Itapetininga-SP. MÉTODOS: Corte transversal com coleta sistematizada de dados antropométricos (peso, altura, cintura, índice de massa corporal e níveis pressóricos e dosagens de glicose, colesterol (total e frações, ácido úrico e apolipoproteina A e B, em uma amostra aleatória, representativa de escolares da rede pública de Itapetininga-SP. Análise dos dados utilizando parâmetros populacionais das curvas do NCHS(2000, categorias de pressão arterial do NHBPEP(2004 e categorias dos níveis séricos de colesterol propostos pela AHA para crianças e adolescentes(2003. RESULTADOS: Um total de 494 crianças e adolescentes participaram do estudo. Dos participantes, 11,7% apresentaram HAS, 51% apresentaram aumento do colesterol total, 40,5% apresentaram aumento do LDL-colesterol, 8,5% apresentaram aumento dos triglicérides e 6,1% tiveram valores baixos de HDL-colesterol. As médias (±desvio padrão do CT, HDL-colesterol, LDL-colesterol e triglicérides foram respectivamente 172,1(27,9, 48,1(10,0, 105,7(23,1 e 90,9(43,8. A obesidade e o sobrepeso foram detectados em 12,8% e 9,7% da amostra, sendo que a obesidade determinou uma maior chance de se detectar a dislipidemia e a hipertensão quando comparada com os demais grupos. CONCLUSÃO: Este estudo fornece subsídios para a hipótese de uma distinta prevalência de excesso de peso entre escolares da rede pública das regiões nordeste e sudeste, maior nesta última. Adicionalmente, demonstra uma associação da obesidade com a dislipidemia e a hipertensão naquele grupo. Diante da incipiência de dados no Brasil sobre a questão estudada, o nosso trabalho fornece dados importantes para futuras comparações.FUNDAMENTO: La escasez de datos sobre la obesidad infantil y el

  16. Categorias sociais da Ópera do Malandro

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Anderson Luis Thomaz

    2016-10-01

    Full Text Available Este trabalho expõe uma interpretação das categoriais sociais representativas no Brasil na década de 1970, retratadas em cinco canções de Chico Buarque de Hollanda na peça Ópera do malandro. Procuramos demonstrar, a partir dos exemplos musicais propostos, que Hollanda fez da relação tensa entre censura e produção artística a base de sua matéria poética, imprimindo um sentido político-social original em sua obra musical, indo além dos limites da canção de protesto tradicional. Essa opção do autor teve como base a proposta teórico-prática do dramaturgo e teórico alemão Bertolt Brecht, que, em seus escritos sobre ópera, defende uma maior independência da música com relação à ação dramática.

  17. Redes sociais significativas de mulheres com transtornos alimentares

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Carolina Leonidas

    2013-01-01

    Full Text Available O presente artigo teve como objetivo investigar como se configuram as redes sociais significativas de mulheres com transtornos alimentares (TAs, o apoio social percebido e suas possíveis implicações para a evolução do quadro. Foram investigadas seis mulheres cadastradas em um serviço de assistência em TA da região sudeste do Brasil. Os instrumentos utilizados foram Mapa de Rede e entrevista semiestruturada. Os relatos foram submetidos à análise de conteúdo temática. Evidenciou-se que as relações interpessoais consideradas significativas eram muito escassas e apresentavam baixa qualidade em termos de grau do envolvimento e apoio mútuo, comprometendo o potencial de apoio e, consequentemente, o bem-estar das participantes. A família caracterizou-se como a principal fonte de apoio social. Concluindo, há necessidade de incluir as redes de apoio na assistência, a fim de fortalecê-las para prevenir agravos.

  18. Representações sociais da sexualidade entre idosos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria Amélia Crisóstomo Queiroz

    2015-08-01

    Full Text Available RESUMOObjetivo:conhecer a representação social sobre sexualidade de idosos, com base na Teoria das Representações Sociais.Método:estudo desenvolvido em Unidade Básica de Saúde da Família de Maracanaú-CE, Brasil, com 30 idosos. A coleta de dados ocorreu de março a abril de 2013, por meio da aplicação da técnica de evocação livre de palavras. Os dados coletados foram organizados e processados através do software EVOC 2000.Resultados:os sujeitos evocaram 150 palavras associadas ao termo indutor sexualidade e, destas, 43 diferentes. No possível núcleo central da representação dos idosos sobre sexualidade, foram encontradas as palavras: amor, carinho e respeito. Sexo, companheirismo, compreensão e convivência compuseram os elementos intermediários da representação.Conclusão:amor, respeito e carinho foram apontados como elementos centrais que estruturavam e organizavam a representação social da sexualidade na terceira idade pelo grupo estudado.

  19. Exclusão, ilegalidades e organizações criminosas no Brasil Exclusion, illegality and criminal organizations in Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Letícia Maria Schabbach

    2008-12-01

    Full Text Available O artigo discute a aplicabilidade da teoria de Niklas Luhmann ao estudo de sociedades de modernidade periférica, dentre elas o Brasil. Argumenta-se que o autor fornece noções relevantes para a compreensão de fenômenos que ocorrem nestas sociedades, cujos sistemas sociais podem não estar totalmente desenvolvidos e onde a exclusão se diferenciou, deixando de representar, ao lado da inclusão, um fator constitutivo do equilíbrio sistêmico. Nessas sociedades, a exclusão se reproduz sob uma lógica própria. Este trabalho também analisa a validade dos conceitos luhmannianos de sistema e organização social para se analisar o crime organizado no Brasil. Conclui-se que as organizações criminosas são organizações sociais, abrangendo unidades de processos de comunicação que ligam as decisões entre si. Atuando na ilegalidade, tais organizações interagem com os outros sistemas e organizações, dentro de uma rede de relações interorganizacionais, onde se percebem as linkages entre o mundo lícito e o ilícito. Além disso, para se adequarem ao ambiente externo, elas precisam sempre estar-se renovando.The article discusses the suitability of Niklas Luhmann's theory for the study of societies of peripheral modernity, among them Brazil. It argues that the author provides relevant notions to the comprehension of phenomenons that occur in these societies, whose social systems perhaps are not totally developed and where the exclusion was differentiated, failing to represent a constitutive element of the systemic balance - as well as the inclusion - and assuming an own dynamic. Furthermore this article analyzes the validity of Luhmannian concepts of social system and social organization to analyse organized crime in Brazil. It concludes that criminal organizations can be characterized as social organizations, covering units of processes of communication that unite decisions among themselves. Acting illegally, these organizations interact

  20. Fatores maternos na ocorrência da prematuridade tardia em um hospital universitário

    OpenAIRE

    Beatriz Belém Buendgens

    2015-01-01

    A prematuridade tardia constitui-se na maioria dos nascimentos prematuros e contribui para a ocorrência de morbimortalidades neonatais. O objetivo deste estudo foi identificar os fatores maternos relativos ao nascimento de prematuros tardios em um hospital universitário do Sul do Brasil. Tratou-se de um estudo quantitativo, transversal, descritivo e retrospectivo. O estudo foi realizado com 288 mulheres e seus 318 filhos prematuros tardios, nascidos com idade gestacional entre 34 e 36 semanas...

  1. Policonsumo simultâneo de drogas entre estudantes de graduação da área de ciências da saúde de uma universidade: implicações de gênero, sociais e legais, Santo André - Brasil

    OpenAIRE

    Maria do Perpétuo Socorro de Sousa Nóbrega; Laura Simich; Carol Strike; Bruna Brands; Norman Giesbrecht; Akwatu Khenti

    2012-01-01

    Estudio transversal que busca comprender los patrones de poli-consumo simultáneo de drogas y sus consecuencias de genero, sociales y legales entre estudiantes universitarios. 275 estudiantes de las ciencias de la salud de pregrado de una universidad en Santo André, Brasil participaran en el estudio. El policonsumo simultáneo estuvo presente en 27,9% de los estudiantes de la muestra. Combinaciones: alcohol + marihuana; alcohol + medicamentos de prescripción; alcohol + tabaco + cannabis; tabaco...

  2. Representações sociais da água e tecnologias sociais = Social representations of water and social technologies

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Polli, Gislei Mocelin

    2013-01-01

    Full Text Available A sociedade tem demonstrado interesse e preocupação em relação aos problemas ambientais, entre eles merece destaque os problemas relacionados à água. Nesta pesquisa buscou-se conhecer os significados que a água assume para lideres locais em Santa Catarina – Brasil. Este é um dos subprojetos do Programa Tecnologias Sociais para Gestão da Água, patrocinado pela Petrobras Ambiental. Para este estudo houve aplicação de instrumento de evocações livres, tendo como termos indutores água, água de qualidade, água poluída, preservação da água e uso e exploração da água. As respostas foram tratadas pelos programas Evoc e Similitude 2000, e analisadas a partir da teoria do núcleo central. Os resultados indicam que a água é compreendida como essencial à vida, ligada à saúde e necessita ser preservada, a atuação humana é destacada como responsável por seu cuidado ou destruição

  3. Utilização de frutos de cactos (Cactaceae como recurso alimentar por vespas sociais (Hymenoptera, Vespidae, Polistinae em uma área de caatinga (Ipirá, Bahia, Brasil The use of cactus fruit food resources by social wasp (Hymenoptera, Vespidae, Polistinae in an area of Caatinga (lpirá, Bahia, Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Gilberto M. M. Santos

    2007-12-01

    Full Text Available Este estudo teve por objetivo identificar as espécies utilizadas como recurso alimentar e descrever os padrões locais de utilização de frutos de cactos como recurso alimentar por vespas sociais em uma área de Caatinga. Novecentos e oito indivíduos de nove espécies de vespas foram capturados visitando seis espécies de cactáceas. Cereus jamacaru DC. e Pilosocereus catingicola (Gurke Byles & G.D foram as cactáceas mais utilizadas por vespas sociais, tanto em número de espécies quanto de indivíduos. Polybia paulista von Ihering, 1896, Polybia ignobilis (Haliday, 1836, Polistes versicolor (Olivier, 1791, Polistes simillimus Zikán, 1951, Polistes billardieri Fabricius, 1804, Polistes canadensis (Linnaeus, 1758, Polybia occidentalis (Olivier, 1791 e Polybia sericea (Olivier, 1705 apresentaram as maiores amplitudes de nicho trófico. As maiores sobreposições no nicho trófico foram observadas entre Mischocyttarus lanei Zikán, 1949 e Polistes simillimus Zikán, 1951 (0,83. Os altos níveis de sobreposição de nichos observados são explicados em função do comportamento generalista das vespas sociais, bem como da exploração intensiva de poucas espécies de cactáceas.This study aims to identify food resource plants used by social wasp species in a Caatinga area, as well as describe the local patterns of cactus fruit resources used by wasps. Nine hundreds and eight foraging wasps, belonging to nine species, were captured while visiting six cactus species. Cereus jamacaru DC. and Pilosocereus catingicola (Gurke Byles & G.D. were the most frequently visited plants. Several wasp species and a great number of individuals visited them. Polybia paulista von Ihering, 1896, Polybia ignobilis (Haliday, 1836, Polistes versicolor (Olivier, 1791, Polistes simillimus Zikán, 1951, Polistes billardieri Fabricius, 1804, Polistes canadensis (Linnaeus, 1758, Polybia occidentalis (Olivier, 1791 and Polybia sericea (Olivier, 1705 had the larger trophic

  4. Infant mortality trends in the State of Rio Grande do Sul, Brazil, 1994-2004: a multilevel analysis of individual and community risk factors Tendência da mortalidade infantil no Rio Grande do Sul, Brasil, 1994-2004: uma análise multinível de fatores de risco individuais e contextuais

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Roselaine Ruviaro Zanini

    2009-05-01

    Full Text Available The aim of this study was to analyze the trend in infant mortality rates in the State of Rio Grande do Sul, Brazil, from 1994 to 2004, in a longitudinal ecological study, by means of panel data analysis and multilevel linear regression (two levels: microregion and time to estimate factors associated with infant mortality. The infant mortality rate decreased from 19.2‰ (1994 to 13.7‰ (2004 live births, and the principal causes of death in the last five years were perinatal conditions (54.1%. Approximately 47% of the variation in mortality occurred in the microregions, and a 10% increase in coverage by the Family Health Program was associated with a 1‰ reduction in infant mortality. A 10% increase in the poverty rate was associated with a 2.1‰ increase in infant deaths. Infant mortality was positively associated with the proportion of low birthweight newborns and the number of hospital beds per thousand inhabitants and negatively associated with the cesarean rate and number of hospitals per 100 thousand inhabitants. The findings suggest that individual and community variables display significant effects on the reduction of infant mortality rates.O objetivo deste trabalho foi analisar a tendência das taxas de mortalidade infantil no Rio Grande do Sul, Brasil, de 1994 a 2004, em estudo ecológico longitudinal, por meio de análise de dados de painel e regressão linear multinível (dois níveis: microrregião e tempo para estimar fatores associados à mortalidade infantil. A taxa de mortalidade infantil reduziu de 19,2‰ (1994 para 13,7‰ (2004 nascidos vivos, e a principal causa de óbito, nos últimos cinco anos, foi afecções perinatais (54,1%. Aproximadamente 47% da variação nas taxas de mortalidade ocorreram nas microrregiões, e 10% de acréscimo na cobertura do Programa Saúde da Família esteve associado à redução de 1‰ na mortalidade infantil. O aumento de 10% na taxa de pobreza esteve associado com um aumento de 2,1

  5. Mortality, TB/HIV co-infection, and treatment dropout: predictors of tuberculosis prognosis in Recife, Pernambuco State, Brazil Mortalidade, co-infecção por HIV/AIDS e abandono do tratamento como fatores prognósticos para tuberculose em Recife, Pernambuco, Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Mirian Pereira Domingos

    2008-04-01

    Full Text Available This non-concurrent cohort study aims to identify predictors of tuberculosis mortality in a large population database in Brazil. Tuberculosis, death, and TB/HIV cases were validated respectively from the tuberculosis surveillance (SINAN/TB, mortality (SIM, and SINAN/AIDS databases for a five-year period. Analysis included proportional hazard models with relative risk estimates. Out of 5,451 individuals reported with tuberculosis, 320 (5.9% died (incidence and mortality rates of 98.6 and 12.2/100 thousand inhabitants, respectively. After adjustment, relative risk of dying from tuberculosis was 9.8 for individuals > 50 years of age; 9.0 for TB/HIV co-infection; 3.0 for mixed TB clinical presentation; and 2.0 for treatment dropout. In the multivariate model, using cases with HIV/AIDS, all adjusted predictors lost significance except mixed clinical presentation (RR 1.9; 1.1-3.1. TB/HIV co-infection is an important predictor of TB mortality. However, among individuals without HIV/AIDS, mortality is still highly associated with older age, mixed clinical forms, and treatment dropout.Este estudo de coorte não concorrente objetivou identificar fatores associados ao óbito por tuberculose em pacientes notificados ao sistema de vigilância de tuberculose (SINAN/TB, residentes em Recife, Pernambuco, Brasil, de 1996-2000. Óbito por tuberculose e co-infecção HIV/AIDS foram validados nos Sistemas de Mortalidade (SIM e SINAN/AIDS. Análise de sobrevida modelos de riscos proporcionais de Cox foram utilizados. Dos 5.451 indivíduos diagnosticados (coeficiente de incidência de 98,6/100 mil habitantes, 320 (5,9% foram ao óbito por tuberculose (coeficiente de mortalidade de 12,2/100 mil habitantes. O risco relativo ajustado de morrer foi de 9,8 para maiores de 50 anos, 9,0 para indivíduos com co-infecção HIV/AIDS, 3,0 para aqueles com apresentação mista e 2,0 para pacientes que abandonaram o tratamento. Quando se estratificou a população em dois grupos

  6. Prevalência e fatores associados à violência entre parceiros íntimos: um estudo de base populacional em Lages, Santa Catarina, Brasil, 2007 Prevalence of intimate partner violence and associated factors: a population-based study in Lages, Santa Catarina State, Brazil, 2007

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Adriana Jaqueline Anacleto

    2009-04-01

    Full Text Available Estimou-se a prevalência da violência entre parceiros íntimos e os fatores associados em Lages, Santa Catarina, Brasil. Realizou-se um estudo transversal de base populacional domiciliar com mulheres de 20-59 anos (n = 1.042, da zona urbana. As prevalências de agressão verbal, violência física menor e violência física grave foram estimadas pelo questionário Conflict Tactics Scales - Form R. Questões sobre aspectos sócio-econômicos e demográficos foram investigadas. As associações foram testadas pelo teste do qui-quadrado de Pearson e o de tendência linear. A prevalência de violência entre casais para agressão verbal, agressão física menor e agressão física grave foram de 79%, 14,9% e 9,3%, respectivamente. Casais com menos de trinta anos, com renda per capita inferior a meio salário mínimo mensal e vivendo em locais com mais de dois indivíduos por cômodo dormitório apresentaram maiores prevalências das violências mensuradas quando comparados com casais mais velhos, com maior rendimento e menor aglomeração, respectivamente. Programas preventivos, além de estudos qualitativos, podem ser estratégias efetivas para melhor compreender a violência entre parceiros íntimos.The aim of this study was to estimate the prevalence of intimate partner violence and associated factors in Lages, Santa Catarina State, Brazil. A population-based household study included 20-59-year-old women (n = 1,042 living in the urban area. The Conflict Tactics Scales - Form R was used to investigate verbal aggression, minor physical violence, and severe physical violence. A questionnaire covering socioeconomic and demographic variables was applied. Pearson qui-square and linear trend test were used to test associations. Prevalence rates for verbal aggression and minor and severe physical abuse within couples were 79.0%, 14.9%, and 9.3%, respectively. Couples under 30 years of age, with per capita income less than half the minimum wage

  7. Prevalência e fatores associados à adesão de crianças na terapia antirretroviral em três centros urbanos do sul do Brasil Prevalence and factors associated with the adhesion of children in highly active antiretroviral therapy in three urban centers in Southern Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Eliana Silva Trombini

    2010-03-01

    Full Text Available O presente estudo verificou a prevalência e fatores associados à adesão de crianças na terapia antirretroviral (TARV, em três centros urbanos do Sul do Brasil: Passo Fundo, Canoas e Cachoeira do Sul. A população do estudo foi de 44 crianças, de dezoito meses a treze anos de idade, em TARV. Os dados foram coletados através de um questionário sociodemográfico com os cuidadores, visando conhecer sexo, idade, escolaridade, esquema de tratamento e estado clínico das crianças, bem como renda, idade e escolaridade do cuidador. Considerou-se adesão quando a TARV atingiu 95% do regime prescrito. O delineamento do estudo foi analítico transversal. Os dados foram analisados de forma descritiva (frequência, percentual e através de análise bivariada (qui-quadrado, cruzando-se o desfecho (adesão à TARV com as variáveis independentes: estado clínico, esquema de tratamento e dados sociodemográficos da criança e do cuidador. Os resultados mostraram uma adesão de 82% do total das crianças estudadas. A análise bivariada não apontou associações significativas entre a adesão e as variáveis independentes. Foi encontrada uma possível tendência linear de aumento da adesão em função do melhor estado clínico da criança. O alto percentual de adesão obtido no presente estudo está de acordo com o encontrado na literatura.This study verified the prevalence and associated factors to the adhesion of children in Highly Active Antiretroviral Therapy (HAART, in three urban centers in Southern Brazil: Passo Fundo, Canoas and Cachoeira do Sul. The population of the study consisted of 44 children, between 18 months to 13 years old, in HAART. Data was collected by applying a socio-demographic questionnaire with the caregivers, aiming to know the children's sex, age, schooling, treatment type and clinical state, as well as the caregiver's income, age and schooling. Adhesion was considered when the effectiveness of the HAART was at least 95% of

  8. Sintomas depressivos na adolescência: estudo sobre fatores psicossociais em amostra de escolares de um município do Rio de Janeiro, Brasil Depressive symptoms during adolescence: a study on psychosocial factors in a sample of teenage students in a city in Rio de Janeiro State, Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Joviana Q. Avanci

    2008-10-01

    Full Text Available Este estudo objetiva identificar fatores sócio-demográficos, familiares e individuais potencialmente de risco à sintomatologia depressiva de adolescentes escolares. Baseia-se num estudo transversal com 1.923 alunos das 7ª e 8ª séries do Ensino Fundamental e 1º e 2º anos do Ensino Médio de escolas públicas e privadas de um município do Rio de Janeiro, Brasil. A sintomatologia depressiva foi aferida através de itens da SRQ-20 (Harding, 1980 e da escala de resiliência (Wagnild & Young, 1993. Para análise, utilizou-se a regressão logística hierárquica. Os resultados revelam que 10% dos adolescentes apresentam sintomatologia depressiva. Meninas têm mais que o dobro de chance de apresentar esses sintomas do que os meninos (IC: 1,58-3,67; vítimas de violência severa cometida pela mãe têm 6,49 mais chances (IC: 2,07-20,3; adolescentes que vivenciaram separação dos pais têm 73% mais chances (IC: 1,16-2,57; adolescentes com baixa auto-estima têm 6,43 mais chances (IC: 2,63-15,68 e aqueles que estão insatisfeitos com a vida têm 3,19 mais chances (IC: 2,08-4,89 de apresentar sintomas de depressão. Discute-se a necessidade de políticas públicas eficazes ao atendimento do adolescente, em nível preventivo, contemplando aspectos psicossociais estratégicos, formando uma rede de tratamento.This study's objective was to identify individual, social, and familial risk factors for depressive symptoms in adolescent students. The study included 1,923 seventh and eighth-grade (junior high students and first and second-year high school students in public and private schools from a city in Rio de Janeiro State, Brazil. Depressive symptoms were evaluated with the SRQ-20 scale (Harding, 1980 and resilience scale (Wagnild & Young, 1993. Hierarchical logistic regression was the analytical method used. Symptoms of depression were present in 10% of adolescents. Girls had more than twice the odds of presenting these symptoms (CI: 1

  9. Insegurança alimentar em domicílios com adolescentes da Amazônia Legal Brasileira: prevalência e fatores associados Inseguridad alimentaria en domicilios con adolescentes de la Amazonia Legal Brasileña: prevalencia y factores asociados Food insecurity in households with adolescents in the Brazilian Amazon: prevalence and associated factors

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Lúcia Dias da Silva Guerra

    2013-02-01

    Full Text Available Estudo transversal de base populacional, realizado em 2007, para investigar a prevalência de insegurança alimentar e fatores associados em domicílios com adolescentes da área urbana de quatro municípios da Amazônia Legal Brasileira, abrangência da rodovia BR-163, que liga Cuiabá, Mato Grosso, a Santarém, Pará. Aplicou-se a Escala Brasileira de Insegurança Alimentar a uma amostra de 363 domicílios e se realizou avaliação antropométrica de 534 adolescentes com idade entre 10 e 19 anos. Na análise múltipla, utilizou-se o modelo de regressão de Poisson. Os resultados apresentaram uma prevalência de 23,1% de insegurança alimentar moderada e grave, indicando associação com as seguintes categorias: baixa renda familiar, condições de saneamento precárias, naturalidade do Estado de Mato Grosso e raça/cor (preta do adolescente. Os resultados apontam a necessidade de ações para a melhoria do acesso ao saneamento básico, a qualificação de recursos humanos visando à geração de emprego e renda e a ações educativas que ampliem a compreensão sobre insegurança alimentar e seus determinantes nos municípios.Estudio transversal de base poblacional, realizado en 2007, para investigar la prevalencia de la inseguridad alimentaria y factores asociados en domicilios con adolescentes del área urbana de cuatro municipios de la Amazonia Legal, que abarca la carretera BR-163, que conecta Cuiabá, Mato Grosso, con Santarém, Pará. Se aplicó la Escala Brasileña de Inseguridad Alimentaria a una muestra de 363 domicilios y se realizó una evaluación antropométrica de 534 adolescentes con edades comprendidas entre 10 y 19 años. En el análisis múltiple, se utilizó el modelo de regresión de Poisson. Los resultados presentaron una prevalencia de un 23,1% de inseguridad alimentaria moderada y grave, indicando asociación con las siguientes categorías: baja renta familiar, condiciones de saneamiento precarias, originario del estado

  10. Atendimento odontológico de portadores de HIV/AIDS: fatores associados à disposição de cirurgiões-dentistas do Sistema Único de Saúde de Belo Horizonte, Minas Gerais, Brasil Factors associated with dentists' willingness to treat HIV/AIDS patients in the National Health System in Belo Horizonte, Minas Gerais, Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria Inês Barreiros Senna

    2005-02-01

    Full Text Available Um estudo seccional foi conduzido entre cirurgiões-dentistas do Sistema Único de Saúde de Belo Horizonte, Minas Gerais, Brasil, com o objetivo de identificar fatores associados à disposição para o atendimento odontológico de portadores do HIV/AIDS. Questionários foram distribuídos aos participantes em seu local de trabalho. Um total de 140/345 (41,0% dentistas selecionados participaram do estudo. A prevalência de disposição para o atendimento foi de 55,0%. Resultados ajustados pela regressão logística múltipla mostraram que a disposição para o atendimento foi significativamente associada a ter percepção correta sobre o risco ocupacional (OR = 4,8; IC95%: 1,32-18,04, conhecer protocolo pós-exposição ocupacional (OR = 4,5; IC95%: 1,61-13,07, ter atitudes positivas frente à epidemia (OR = 3,2; IC95%: 1,37-7,45, ter experiência profissional com paciente portador de HIV/AIDS (OR = 3,0; IC95%: 1,30-7,19 e ser contra o exame diagnóstico compulsório anti-HIV de pacientes (OR = 2,3; IC95%: 0,96-5,40. Dentistas que tiveram acidente perfurocortante apresentaram menor disposição para o atendimento (OR = 0,4; IC95%: 0,15-0,85. Estes resultados mostram que o medo do contágio é a principal fonte de ansiedade para os trabalhadores da saúde com relação ao atendimento de pacientes com HIV/AIDS.A cross-sectional study was conducted among dentists in the Unified National Health System (SUS in Belo Horizonte, Minas Gerais, Brazil, to identify factors associated with their willingness to treat HIV/AIDS patients. Questionnaires were distributed at the participant's workplace. Some 140 out of 345 selected dentists (41.0% participated. Prevalence of willingness to treat was 55.0%. Results adjusted by multiple logistic regression showed that willingness to treat was significantly associated with a realistic perception of occupational risk (OR = 4.8; 95%CI: 1.32-18.04, knowledge of the exposure protocol (OR = 4.5; 95%CI: 1

  11. Tubal ligation regret and related risk factors: findings from a case-control study in Pernambuco State, Brazil Fatores de risco para o arrependimento da laqueadura tubária: resultados de um estudo de caso-controle em Pernambuco, Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ana Bernarda Ludermir

    2009-06-01

    Full Text Available A case-control study was carried out at a public teaching hospital in Recife, Pernambuco State, Brazil in 1997 to investigate risk factors among women who feel regret after undergoing sterilization through tubal ligation. The study compared sterilized women who had requested or undergone a tubal reversal with women who were also sterilized but had not undergone this surgery, nor had requested to do so. Women showing a significantly greater probability of regret were those sterilized at a young age, those who had not themselves made the decision to undergo surgery , those for whom the sterilization was carried out up to the 45th day after childbirth and those who had acquired knowledge about contraceptive methods after the tubal ligation procedure. Having had a deceased child, a partner with no children prior to the current union or a change of partner after the tubal sterilization procedure were also associated to the request for or submission to tubal sterilization reversal. It is necessary to assess women's psycho-socio-demographic profiles, their reasons for requesting tubal ligation and to advise the patient about family planning in order to reduce rates of post-sterilization regret.Um estudo do tipo caso controle foi conduzido em um hospital público de ensino no Recife, Pernambuco, Brasil, em 1997, para investigar os fatores de risco para o arrependimento da realização da laqueadura tubária, comparando mulheres laqueadas que solicitaram ou realizaram a reversão da laqueadura tubária com mulheres também laqueadas que não solicitaram e não se submeteram a esta cirurgia. As mulheres que mostraram uma maior probabilidade de arrependimento foram as esterilizadas quando jovens, as que não foram responsáveis pela decisão da cirurgia, as que realizaram a esterilização até o 45º dia pós-parto e as que adquiriram informações sobre métodos contraceptivos depois da laqueadura tubária. Morte de filhos, parceiros sem filhos

  12. Risk factors and prevalence of antibodies against hepatitis A virus (HAV in children from day-care centers, in Goiania, Brazil Fatores de risco e prevalência de anticorpos contra o vírus da hepatite A (VHA em crianças de creche em Goiânia, Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    D.A.O. Queiróz

    1995-10-01

    Full Text Available A seroepidemiologic survey about hepatitis A virus (HAV infection was carried out in a group comprising 310 children, ranging in age from 3 months to 9 years, from day-care centers, in Goiania, a middle sized city in the central region of Brazil. The biomarkers employed in the investigation of previous infection include total IgG and IgM anti-HAV antibodies, and for the detection of more recent infection, IgM anti-HAV antibodies were analyzed. The study was performed in 1991 and 1992. According to the results, 69.7% of the children presented total IgG/IgM anti-HAV antibodies, with 60% of the group in the age range of 1 to 3 years. Among 10 day-care centers analyzed, the prevalence of the biomarker IgM anti-HAV was 3.2%, with an uniform distribution of the cases in the group of children ranging in age from 1 to 4 years. Multi-variate analysis was performed to investigate the sociodemographic factors that could influence the results. It was verified that the risk for the infection increased with the length of the attendance in the day-care centers, i.e., the risk for children with attendance of one year or more was 4.7 times higher, when compared with children with one month attendance (CI 95% 2.3-9.9. According to the results, hepatitis A is an endemic infection in day-care centers in the study area. The length of attendance in the day-care settings was demonstrated to be a risk factor for the HAV infection. Such findings suggest that if hepatits A vaccination becomes available as a routine policy in our region, the target group should be children under one year. Moreover, those children should receive the vaccine before they start to attend the day-care centers.Um estudo soroepidemiológico para o vírus da hepatite A (VHA, investigando os marcadores de infecção passada (anti-VHA total - IgG e IgM e infecção recente (anti-VHA IgM, foi realizado entre 1991 e 1992, em crianças de creche de Goiânia-Brasil central. Das 310 crianças com idade

  13. Perfil nutricional e fatores associados à ocorrência de desnutrição entre crianças indígenas Kaingáng da Terra Indígena de Mangueirinha, Paraná, Brasil Nutritional profile and factors associated with malnutrition in Kaingáng children on the Mangueirinha Indigenous Reserve, Paraná State, Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Adriana Masiero Kühl

    2009-02-01

    Full Text Available Este estudo objetivou avaliar o estado nutricional de crianças indígenas e verificar os fatores associados à ocorrência de agravos nutricionais. Foram avaliadas 141 crianças Kaingáng de 0 a 60 meses de idade da Terra Indígena de Mangueirinha, Paraná, Brasil, por meio das medidas de peso e altura ou comprimento. Realizaram-se entrevistas com a aplicação de um questionário sobre condições materno-infantis e sócioeconômicas. Segundo os parâmetros da Organização Mundial da Saúde (2006, 24,8% das crianças apresentavam déficit de altura para idade (AI, 9,2% baixo peso para idade (PI, 2,1% baixo peso para altura (PA e 2,1% baixo peso segundo o índice de massa corporal para idade (IMCI. De acordo com o NCHS (1977, 19,9% das crianças apresentaram baixa AI, 9,2% baixo PI e 1,4% baixo PA. O sobrepeso chegou a 6,4%, segundo o IMCI. O baixo peso ao nascer e os materiais utilizados na construção das paredes das casas estiveram estatisticamente associados com déficits antropométricos. Este estudo mostra que as crianças Kaingáng estão inseridas em um contexto marcado por precárias condições de vida, que estão associadas com indicadores desfavoráveis do estado nutricional.The goal of this study was to evaluate the nutritional status of indigenous children and to investigate factors associated with nutritional deficits. Weight and height measurements were obtained for 141 Kaingáng children from 0 to 5 years of age living on the Mangueirinha Indigenous Reserve in Paraná State, Brazil. Data on maternal and infant conditions and socioeconomic characteristics were also gathered through face-to-face interviews. Based on World Health