WorldWideScience

Sample records for antioxidante das folhas

  1. Atividade antioxidante das folhas de espinheira-santa - Maytenus ilicifolia Mart. ex Reiss., secas em diferentes temperaturas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Myrian Lane Soares Negri

    Full Text Available Maytenus ilicifolia Mart. ex Reiss, a espinheira-santa verdadeira, é largamente utilizada para tratamento de gastrites e úlceras estomacais. O seu valor terapêutico é atribuído principalmente aos polifenóis (flavonóides e taninos e triterpenos. Os polifenóis são bastante estudados e estão relacionados à atividade antioxidante exercida pela planta. Existem vários métodos para avaliar a atividade antioxidante, a qual pode ser medida a capacidade antioxidante total utilizando o método de formação do complexo fosfomolibdênio e a atividade antioxidante em relação à redução de um radical, utilizando-se o DPPH (2,2-difenil-1-picrilhidrazila. A atividade antioxidante das folhas de espinheira-santa seca em diferentes temperaturas foi avaliada, visando verificar a possível influência das temperaturas de secagens e seu poder antioxidante. Foram utilizadas cinco temperaturas (40, 50, 60, 70 e 80 ºC e uma temperatura de secagem de rotina, de um produtor/beneficiador de plantas medicinais. As menores temperaturas apresentaram as maiores atividades antioxidantes.

  2. Atividade antioxidante e toxicidade preliminar do extrato e frações obtidas das folhas e cascas do caule de Dasyphyllum tomentosum (Spreng. Cabrera

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    C.S. Paula

    2014-06-01

    Full Text Available Dasyphyllum tomentosum (Spreng. Cabrera, açucará ou espinho-de-agulha, pertence à família Asteraceae, a qual compreende muitas espécies com propriedades terapêuticas. O objetivo deste trabalho foi avaliar extratos e frações de folhas e de cascas do caule de D. tomentosum, com relação as atividade antioxidante, citotóxica e hemolítica em testes in vitro. Todas as amostras apresentaram atividade antioxidante pelo método de inibição de DPPH, com destaque para a fração acetato de etila obtida das folhas cuja atividade foi comparável à dos padrões ácido ascórbico e rutina. Com relação à redução do complexo fosfomolibdênio, observou-se que esta mesma fração foi semelhante somente a rutina enquanto a fração obtida das cascas do caule apresentou resultado superior. Não foi observada atividade citotóxica e hemolítica frente aos modelos utilizados com os extratos e frações. Os resultados obtidos demonstram o potencial antioxidante da espécie sem apresentar toxicidade.

  3. Atividades antioxidante, antinociceptiva e anti-inflamatória das folhas de Mucuna pruriens (L. DC Antioxidant, antinociceptive and anti-inflammatory activity of Mucuna pruriens (L. DC. leaves

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    E.V.S. Motta

    2013-01-01

    Full Text Available A espécie Mucuna pruriens (L. DC. (Fabaceae é popularmente conhecida no Brasil como "café berão" e "pó de mico". Suas sementes são bastante estudadas sendo empregadas na medicina popular para o tratamento de desordens nervosas e do aparelho reprodutor, porém poucas informações sobre a composição química e atividade farmacológica das folhas dessa espécie são descritas na literatura. Assim, os objetivos desse estudo foram: a determinação do perfil fitoquímico, a avaliação da atividade antioxidante in vitro, e a avaliação das atividades anti-inflamatória e antinociceptiva in vivo do extrato metanólico das folhas de M. pruriens nas concentrações de 100 e 300 mg/kg. O estudo fitoquímico foi realizado por meio da pesquisa qualitativa dos constituintes químicos e determinação quantitativa do teor de fenóis totais e flavonoides. O potencial antioxidante foi avaliado pelos métodos do DPPH e poder de redução. As atividades anti-inflamatória e antinociceptiva foram a ante foi promissor, com CI50 de 13,2∝g/mL pelo método do DPPH, e CE50 de 47,9∝g/mL pelo método que avalia o poder de redução. Em relação à atividade anti-inflamatória, o extrato foi capaz de inibir o edema de orelha em 63% (100mg/kg e 28% (300mg/kg. Quanto à atividade antinociceptiva, houve redução do número de contorções abdominais de 64% (100 mg/kg e 69% (300 mg/kg. Estes resultados indicam que M. pruriens apresenta um potencial farmacológico promissor e reforçam o conceito de que a pesquisa de plantas com usos etnofarmacológicos pode revelar um número substancial de respostas em ensaios in vitro e in vivo.The species Mucuna pruriens (L. DC. (Fabaceae is popularly known in Brazil as "café berão" and "pó de mico". Its seeds have been widely studied and used in folk medicine for the treatment of nervous and reproductive system disorders; however, few studies are related to the chemical composition and pharmacological activity of its

  4. Avaliação in vitro da atividade antioxidante do extrato hidroalcoólico de folhas de bardana

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Adriene R. Lima

    Full Text Available A atividade antioxidante do extrato hidroálcoólico de folhas de bardana (EEB, das frações acetato de etila (ACE e hexano (HEX foi avaliada por meio de testes in vitro. O EEB e frações inibiram a peroxidação lipídica em homogeneizado de cérebro de rato, com IC50 de 0,136 ± 0,015; 0,218 ± 0,049 e 0,628 ± 0,092 mg/mL para o EEB, ACE e HEX respectivamente. O EEB, ACE e HEX apresentaram atividade seqüestrante de radicais DPPH, com IC50 de 0,029 ± 0,006; 0,089 ± 0,003 e 0,837 ± 0,160 mg/mL respectivamente. A capacidade antioxidante total do EEB foi significativamente maior (p<0,001 que a das frações sendo de 267,20; 55,49 e 50,02 mM de ácido ascórbico, respectivamente, para o EEB, ACE e HEX. O EEB apresentou 7,88 ± 0,25 % (m/m de compostos fenólicos, que foi significativamente (p<0,001 diferente das ACE e HEX. Os resultados indicam que os extratos analisados apresentam atividade antioxidante, sendo que o EEB foi o mais eficiente. Este é o primeiro trabalho demonstrando a atividade antioxidante de folhas de bardana.

  5. Óleos essenciais de folhas de diversas espécies: propriedades antioxidantes e antibacterianas no crescimento espécies patogênicas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cíntia Alvarenga Santos Fraga Miranda

    Full Text Available RESUMO Os óleos essenciais apresentam possibilidade de serem empregados nas indústrias de alimentos, bebidas, produtos de higiene pessoal e cosméticos para evitar ou reduzir a deterioração lipídica e a contaminação por micro-organismos. Este trabalho teve como objetivos avaliar as propriedades funcionais antimicrobianas e antioxidantes de óleos essenciais de folhas frescas de Coniza bonariensis, Parthenium hysterophorus, Tithonia diversifolia, Ambrosia polystachya, Hedychium coronarium e Baccharis dracunculifolia, extraídos por hidrodestilação. O potencial antioxidante foi avaliado pelas metodologias do consumo do radical DPPH e da inibição da oxidação do sistema β-caroteno/ácido linoleico. A sensibilidade das bactérias Salmonella Cholerasuis, Listeria monocytogenes, Staphylococcus aureus e Escherichia coli frente aos óleos essenciais foi determinada pela utilização do método de difusão em cavidade ágar. Os óleos essenciais destacaram-se pelo elevado conteúdo de terpenoides. Todos os óleos essenciais avaliados pela metodologia do sequestro do radical DPPH não apresentaram CI50 significativos. Pela metodologia do β-caroteno/ácido linoleico, os óleos essenciais de T. diversifolia e H. coronarium não apresentaram atividades significativas e os de C. bonariensis, P. hysterophorus, A. polystachya, e B. dracunculifolia apresentaram CI50 superiores a maior concentração avaliada. Os óleos essenciais das espécies C. bonariensis, T. diversifolia, H. coronarium e de B. dracunculifolia apresentaram atividade antibacteriana para bactérias Gramnegativas e Gram-positivas, com exceção do óleo volátil de P. hysterophorus, que não impediu o crescimento de nenhuma das cepas bacterianas testadas. O óleo essencial de A. polystachya apresentou potencial antibacteriano apenas nas cepas de S. aureus.

  6. Substâncias isoladas das folhas de Bauhinia microstachya (Raddi Macbr. (Caesalpiniaceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    E.M. Bianco

    Full Text Available Neste trabalho é relatado o isolamento de três substâncias das folhas de Bauhinia microstachya (Raddi Macbr., Caesalpiniaceae, incluindo dois constituintes isolados pela primeira vez nesta espécie, a vitexina e o hidrocarboneto hexatriacontano. As estruturas desses compostos foram estabelecidas através de estudos de RMN- 1H 1D, 2D e EM.

  7. Constituintes químicos das folhas e do caule de Coccoloba mollisCasaretto (Polygonaceae)

    OpenAIRE

    Oliveira,Patrícia Emanuella S.; Santos,Wagner S. dos; Conserva,Lucia M.; Lemos,Rosangela P. de Lyra

    2008-01-01

    O estudo químico das frações neutra em hexano das folhas e em diclorometano do caule de Coccoloba mollis resultou no isolamento de um triterpeno pentacíclico (simiarenol), que pela primeira vez ocorre em Polygonaceae, dois fitoesteróides (sitostenona e sitosterol), um diterpeno (trans-fitol) e de um benzenóide (ácido vanílico) que está sendo descrito pela vez neste gênero. A identificação estrutural destes compostos foi feita com base na análise dos dados espectrais (IV, EM e RMN, incluindo D...

  8. ESTUDO FITOQUÍMICO E ANTIMICROBIANO DAS FOLHAS DE EUGENIA ASTRINGENS CAMBESS. (MYRTACEAE

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Bruna Carminate

    2017-02-01

    Full Text Available O conhecimento sobre plantas medicinais simboliza muitas vezes o único recurso terapêutico de muitas comunidades e grupos étnicos. A tradição popular é a origem de valiosos conhecimentos acerca das plantas, muitas das observações populares sobre a utilização de plantas medicinais contribuem, de forma relevante, para a divulgação das virtudes terapêuticas vegetais. A E. astringens é uma espécie que apresenta casca e folhas aromáticas, adstringentes, anti-reumáticas e diuréticas. Apesar do uso medicinal já relatado, não existem muitos estudos quanto a atividade antimicrobiana. O objetivo do presente trabalho foi a realização da triagem fitoquímica e a avaliação da atividade antimicrobiana do extrato hidroalcoólico das folhas de Eugenia astringens Cambess. Foram encontrados taninos, fenóis, catequinas e ácidos orgânicos e o extrato apresentou atividade antibacteriana para todas as 8 cepas testadas.

  9. Capacidade antioxidante e triagem farmacológica de extratos brutos de folhas de Byrsonima crassifolia e de Inga edulis Antioxidant capacity and pharmacologic screening of crude extracts of Byrsonima crassifolia and Inga edulis leaves

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Darly R. Pompeu

    2012-03-01

    Full Text Available Com o objetivo de avaliar o efeito de duas espécies amazônicas em doenças relacionadas aos processos de oxidação, determinou-se a capacidade antioxidante (método Oxygen Radical Absorbance Capacity, o teor de polifenóis totais (método Folin-Ciocalteu - PT, bem como os efeitos farmacológicos in vitro (efeito antiproliferativo e in vivo (antinociceptivo, antiinflamatório, antiulcerogênico dos extratos hidroalcoólicos (65:35; v/v; etanol:água das folhas de Byrsonima crassifolia (BC e Inga edulis (IE. Os extratos de BC e IE apresentaram elevada capacidade antioxidante (1.422 e 694 µmol de Trolox Equivalente g-1 de folha seca - FS, respectivamente e um valor relativamente alto de PT (35,93 e 24,50 mg Equivalente ácido gálico g-1 FS, respectivamente. Essa atividade antioxidante não teve relação direta com o teor de compostos fenólicos dos extratos, sugerindo a contribuição de outros grupos químicos nessa atividade. Em cultura de células tumorais humanas (nove linhagens, os extratos não apresentaram atividade antiproliferativa significante, com efeito citotóxico somente na concentração mais elevada. Em modelo de nocicepção induzida pelo calor (placa quente, o extrato de IE apresentou efeito antinociceptivo (P In order to evaluate the effect of two Amazonian species on chronic diseases linked with the oxidative processes, we performed antioxidant capacity analyses (Oxygen Radical Absorbance Capacity - ORAC and Folin-Ciocalteu - PT assays and pharmacological effects in vitro (antiproliferative effect and in vivo (antinociceptive, antiinflammatory, antiulcerogenic effects for ethanolic extracts (65:35; v/v; ethanol:water from Byrsonima crassifolia (BC and Inga edulis (IE leaves. Both BC and IE extracts showed high ORAC values (1,422 and 694 mmol of Trolox equivalent/g of dry leaf, respectively and high PT contents (35.93 and 24.50 mg gallic acid equivalent g-1 dry leaf, respectively. The ORAC values had no correlation with PT

  10. Estudo das folhas e caule de Hyptidendron canum(Pohl ex Benth. Harley, Lamiaceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Tatiana S. Fiuza

    Full Text Available Hyptidendron canum (Pohl ex Benth. Harley, Lamiaceae, é utilizada popularmente como antimalárica, antiinflamatória, antiulcerativa, anti-hepatotóxica e anticancerígena. O objetivo deste trabalho foi realizar o estudo morfo-anatômico das folhas e caules e identificar as principais classes de metabólitos secundários presentes nas folhas de H. canum, dados ainda não descritos na literatura. As folhas e caules jovens coletados em Goiânia (GO foram seccionados à mão livre e preparados para análise microscópica. Foram realizadas reações de identificação de metabólitos secundários do material dessecado e pulverizado. Preparou-se o extrato etanólico bruto, que posteriormente foi fracionado por partição líquido-líquido com hexano, clorofórmio e acetato de etila. As frações foram submetidas à análise cromatográfica em camada delgada (CCD. As lâminas foliares apresentam epiderme adaxial constituída por células poligonais com parede reta. Na epiderme abaxial observam-se células com parede reta a ondulada e estômatos diacíticos e anisocíticos. Tricomas tectores e glandulares estão presente em ambas as faces da lâmina foliar. O pecíolo apresenta aspecto canaletado, epiderme adaxial e abaxial unisseriada. O caule, em secção transversal possui contorno em geral quadrangular, com presença de tricomas tectores e glandulares. As reações e a CCD das folhas evidenciaram a presença de flavonóides, saponinas, terpenos e lignanas. Este trabalho contribuiu para um maior conhecimento da morfo-anatomia e das classes químicas presentes em H. canum.

  11. Estudo farmacobotânico das folhas de Tocoyena formosa (Cham. & Schltdl. K.Schum. (Rubiaceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Victor Peçanha de Miranda Coelho

    Full Text Available Este trabalho teve como objetivo um estudo farmacobotânico das folhas de Tocoyena formosa (Cham. & Schltdl. K. Schum., espécie usada na medicina popular do Nordeste do Brasil no tratamento das dores reumáticas. Realizaram-se estudos morfológicos para a identificação da espécie e para a morfodiagnose macroscópica. Cortes paradérmicos e transversais do pecíolo e da lâmina foliar, à mão livre, foram corados com safranina ou com uma mistura de safranina e azul de astra para a morfodiagnose microscópica. A lâmina foliar é subcoriácea, oblongo-lanceolada a elíptica, densamente tomentosa na face abaxial. T. formosa possui folhas hipoestomáticas, com estômatos do tipo paracítico; epiderme unisseriada com células de paredes poligonais; mesofilo dorsiventral com idioblastos cristalíferos, esparsos, isolados ou aos pares, no estrato superior do parênquima paliçádico; tricomas simples são evidentes na epiderme, em ambas faces. A vascularização é formada por dois feixes assessórios na posição adaxial e um feixe central em arco com as terminações invaginadas, na porção proximal do pecíolo, ou em forma de "V-fechado" na porção distal e na nervura principal. A morfologia das estruturas vegetativas e reprodutivas associada à anatomia do mesofilo e do sistema vascular, em conjunto, são caracteres distintivos para esta espécie.

  12. Caracterização farmacognóstica das folhas e sementes de Albizia lebbeck (L. Benth. (Fabaceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cláudia G. Miranda

    Full Text Available Albizia lebbeck (L. Benth. é popularmente conhecida no Brasil por coração-de-negro. É uma espécie aclimatada nesse país. As sementes dessa espécie são utilizadas no tratamento de diarréia, disenteria e hemorróidas e as folhas, no tratamento de úlceras e nas conjuntivites alérgicas. Este trabalho foi realizado com a finalidade de determinar as características macroscópicas e microscópicas das folhas e sementes dessa planta, uma vez que estas são as partes usadas popularmente. Algumas características de valor na sua diagnose foram apontadas e ilustradas por fotomicrografias. Reações de fitoquímica e a determinação do conteúdo de água e de cinzas foram realizadas no pó das folhas e sementes de A. lebbeck. Saponinas, alcalóides e cumarinas foram detectados nas folhas e sementes; flavonóides foram também identificados nas folhas. O teor de umidade foi 6,78% e 7,91%, respectivamente, para o pó das folhas e sementes. Os valores de cinzas totais e cinzas insolúveis em ácido foram 9,60% e 0,62% para as folhas e 4,13% e 0,21% para as sementes. Os dados obtidos são importantes para o controle de qualidade dessa planta medicinal. O extrato bruto da planta não apresentou atividade antibacteriana.

  13. Efeito de diferentes métodos de extração sobre a atividade antioxidante e o perfil de compostos fenólicos da folha de mandioca

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Mírian Aparecida Isidro Santos

    Full Text Available Resumo Folhas de mandioca (Manihot esculenta Crantz são resíduos agroindustriais que apresentam potencial para o consumo humano, sendo fontes de proteínas, vitaminas, minerais e de substâncias antioxidantes, com destaque para os compostos fenólicos. No presente estudo, o objetivo foi identificar e quantificar os compostos fenólicos presentes em diferentes extratos da farinha de folhas de mandioca (FFM, cultivar Pão da China, e avaliar seu potencial antioxidante. A extração dos compostos fenólicos foi realizada utilizando três métodos de extração: a refluxo com metanol/água (50:50, v/v; b maceração com etanol/água (50:50, v/v seguido de refluxo com acetona/água (70:30, v/v; c maceração com metanol PA. A caracterização e quantificação foi realizada por cromatografia líquida de alta eficiência e a atividade antioxidante, determinada pelos métodos ABTS e β-caroteno/ácido linoleico. Foram encontrados cinco compostos fenólicos nos extratos da FFM: ácido gálico, galocatequina, catequina, ácido clorogênico e epigalocatequina, sendo a extração com metanol/água (50:50, v/v a que revelou a presença do maior número destes compostos e o maior potencial antioxidante. Entre os fenólicos da FFM, independentemente do extrato, a catequina foi o majoritário. Pode-se inferir que a atividade antioxidante dos extratos da FFM está relacionada com a presença de compostos, pois a extração com maior teor desses compostos foi a que demonstrou maior potencial antioxidante.

  14. Atividade antioxidante e antimicrobiana de extratos de atemoia (Annona cherimola Mill. x A. squamosa L.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Suzana Vieira Rabêlo

    2014-01-01

    Full Text Available O objetivo deste trabalho foi quantificar os teores de fenóis e flavonoides totais, bem como avaliar as atividades antioxidante e antimicrobiana de extratos obtidos dos talos e folhas de atemoia (A. cherimola Mill. x A. squamosa L., que pertence à família Annonaceae. A atividade antioxidante foi avaliada pelos métodos de sequestro dos radicais 2,2-difenil-1-picrilhidrazil (DPPH e 2,2'-azinobis-3-etilbenzotiazolina-6-ácido sulfônico (ABTS, bem como pelo método da cooxidação do β-caroteno/ácido linoleico. A avaliação da atividade antimicrobiana dos extratos foi analisada contra 10 cepas de bactérias. Os resultados da atividade antioxidante dos extratos mostraram que o extrato etanólico dos talos (EEt foi o antioxidante mais efetivo (IC50 = 10,44 ± 1,25 µg/mL no método do sequestro do DPPH, bem como no sequestro do radical ABTS (24,81 ± 0,49%. O extrato hexânico das folhas apresentou o melhor percentual de atividade antioxidante no ensaio do β-caroteno/ácido linoleico (41,12 ± 4,35%. Os extratos etanólico dos talos e metanólico das folhas mostraram-se ativos contra cepas de Bacillus cereus, Klebsiella pneumoniae, Staphylococcus aureus resistente à meticilina (MRSA, Staphylococcus aureus e Staphylococcus epidermidis.

  15. Evaluation of omega-3 fatty acids content and antioxidant activity in wheat (Triticum aestivum L. leaves Avaliação do teor de ácidos graxos ômega-3 e atividade antioxidante em folhas de trigo (Triticum aestivum L.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ana Carolina de Aguiar

    2011-08-01

    Full Text Available The objective of this study was to quantify alpha-linolenic acid (LNA, 18:3n-3 of dried wheat leaves, harvested at different development stages (20, 40 and 80 days, to determine the antioxidant potential and the total phenolic compounds of leaves harvested at 80 days, as well as to perform mineral analysis (Na, K, Fe, Ca, Mg, P, Zn, Cu and Mn. It was observed a predominance of polyunsaturated fatty acids (PUFA compared to saturated fatty acids (SFA in the lipid fraction of leaves. Leaves collected in all periods presented ratios of PUFA/SFA, omega-6 and omega-3 fatty acids (n-6/n-3 considered suitable for food. The highest content of LNA was found in leaves harvested at 60 days, corresponding to 2.146,72 mg 100 g-1 dried matter. The range time between 60 and 80 days showed a decline of nearly 30% in the concentration of LNA. The acetate fraction was the most effective over DPPH radical assay, showing IC50 value of 154 µg mL-1, and the phenolic compounds content was 615.4 ± 36.4 mg EAG L-1, both analyses carried out in leaves harvested at 80 days. In this development stage, wheat leaves showed significant levels of the minerals P, Zn, Cu and Mn. These results reinforce the potential of using wheat leaves in foods, according to its antioxidant content and significant levels of LNA.Conduziu-se este estudo, com o objetivo de quantificar o ácido alfa-linolênico (LNA, 18:3n-3 em folhas de trigo secas e colhidas em diferentes estádios de desenvolvimento (20, 40 e 80 dias, determinar o potencial antioxidante e o conteúdo de fenólicos totais em folhas colhidas aos 80 dias, assim como realizar a analise de minerais (Na, K, Fe, Ca, Mg, P, Zn, Cu e Mn. Foi verificada uma predominância de ácidos graxos poli-insaturados (AGPI comparado com os ácidos graxos saturados (AGS na fração lipídica das folhas. As folhas colhidas em todos os períodos apresentaram razões de AGPI/AGS e de ácidos graxos ômega-6 e ômega-3 (n-6/n-3, dentro dos valores

  16. Atividade antioxidante e teor de fenólicos em couve-manteiga (brassica oleracea l. var. acephala submetida a diferentes sistemas de cultivo e métodos de preparo

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Geysa Duarte Junger Rigueira

    2017-01-01

    Full Text Available O estudo avaliou a influência de sistemas de cultivo e de métodos de preparo na atividade antioxidante e no teor de fenólicos de folhas e talos da couve manteiga (Brassica Oleracea L. var. acephala. Amostras de couve cultivadas pelo sistema convencional e orgânico foram pesadas, higienizadas e os talos separados das folhas. Foram submetidas aos modos de preparo: cru (couve in natura; calor seco (refogada e calor úmido (imersa em água fervente. Avaliou-se à atividade antioxidante e os compostos fenólicos pelo método espectrofotométrico. A verificação de compostos fenólicos e compostos com atividade antioxidante foi realizada por Cromatografia em Camada Delgada (CCD. O sistema de cultivo orgânico e o preparo em calor seco foram os tratamentos que obtiveram os maiores percentuais de antioxidantes e teores de compostos fenólicos, principalmente, em folhas de couve.  A atividade antioxidante variou de 38 a 87% nas folhas e de 13 a 56% nos talos de couve. Quanto aos compostos fenólicos os teores médios estiveram entre 173 e 244 mg EAG/100g nas folhas e 86 e 180 mg EAG/100g nos talos. As análises por CCD revelaram que todos os extratos de folhas e talos de couve apresentaram compostos fenólicos bem como componentes com ação antioxidante, mas nem todos com correlação. Conclui-se que a combinação de sistema de cultivo orgânico e cocção em calor seco pode ser eficiente para preservação e ou aumento do teor de compostos fenólicos e da atividade antioxidante em talos e, principalmente, em folhas de couve.

  17. Variabilidade sazonal de constituintes químicos (triterpenos, flavonóides e polifenóis das folhas de Maytenus aquifolium Mart. (Celastraceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Janete H. Yariwake

    Full Text Available Estudou-se a variabilidade química sazonal em Maytenus aquifolium Mart. (Celastraceae, conhecida como "espinheira santa", em exemplares cultivados em Ribeirão Preto, SP, através da análise das substâncias presentes nas folhas, ao longo das quatro estações em dois anos. O teor de fenóis totais variou de 21,96 a 45,92 mg / g (expresso em mg ácido tânico / g folhas secas, de 55,88 a 93,20 mg triterpenos totais / g folhas secas, e de 1,349 a 3,859 mg flavonóides / g folhas secas. A amostra Primavera 92 apresentou o maior teor de flavonóides e fenóis totais, e a amostra Inverno 94 apresentou o maior teor de triterpenos.

  18. Os óleos essenciais das folhas e galhos finos de Aniba canelilla (Kunth) Mez coletados em Manaus, B

    OpenAIRE

    Lima, Maria da Paz; Silva, Tatiana Maria D.; Silva, João Domingos da; Zoghbi, Maria das Graças B.; Andrade, Eloisa Helena A.

    2004-01-01

    The essential oil of the leaves and fine stems of Aniba canelilla (Kunth) Mez collected in the city of Manaus, AM, Brazil, were obtained by hydrodistillation and analyzed by GC/MS. Forty-two components were identified, of which 1-nitro-2-phenylethane, as expected, was the major (71.2%-68.2%).Os óleos essenciais das folhas e dos galhos finos de Aniba canelilla (Kunth) Mez coletada na cidade de Manaus, AM, Brasil, foram obtidos por hidrodestilação e analisados por CG-EM. Quarenta e dois compone...

  19. Morfo-anatomia das folhas da nespereira Eriobotrya japonica Lindl., Rosaceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    W. M. de Souza

    Full Text Available Eriobotrya japonica, Rosaceae, é uma espécie conhecida popularmente como nespereira, cujas folhas são empregadas na medicina tradicional como agente hipoglicemiante e no tratamento de doenças da pele. O presente trabalho objetivou caracterizar morfo-anatomicamente as folhas, a fim de fornecer subsídios farmacognósticos ao controle de qualidade da droga vegetal e taxonômicos à família. O material botânico foi fixado e submetido às técnicas usuais de microscopia ótica e eletrônica de varredura. As folhas são simples, alternas, lanceoladas, de limbo inteiro e margem denteada. A epiderme foliar é uniestratificada e revestida por cutícula espessada e levemente estriada. Tricomas tectores unicelulares longos são encontrados em ambas as faces, sendo numerosos na abaxial. A folha é hipoestomática, revelando estômatos anomocíticos. O mesofilo é dorsiventral e os feixes vasculares de pequeno porte são colaterais e podem apresentar extensão de bainha. A nervura principal possui formato biconvexo e o pecíolo circular, sendo ambos percorridos por feixes vasculares anficrivais. Foram observados idioblastos contendo cristais de oxalato de cálcio, mucilagem e compostos fenólicos.

  20. Estudo farmacognóstico comparativo das folhas de Davilla elliptica A. St.-Hil. e D. rugosa Poir., Dilleniaceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rose Lisieux R. Paiva Jácome

    Full Text Available As características farmacognósticas das folhas de Davilla elliptica A. St.-Hil. e D. rugosa Poir., Dilleniaceae, foram determinadas com objetivo de auxiliar na identificação taxonômica e no controle de qualidade das drogas vegetais e de produtos fitoterápicos. A espécie D. elliptica é um arbusto ereto, que ocorre naturalmente no cerrado e D. rugosa é um trepadeira lenhosa de beira de mata. Ambas são conhecidas popularmente como lixeirinha, sambaibinha e cipó-caboclo, empregadas na medicina tradicional como antiinflamatória e antiúlcera. As características microscópicas observadas em D. rugosa tais como tricomas estrelados e esclereídes no mesofilo e em D. elliptica de idioblastos contendo mucilagem e endoderme, são parâmetros que poderão ser utilizados na diferenciação das espécies. Os teores obtidos nos ensaios de pureza e nos doseamentos de taninos (9,4% e 7,2%, flavonoides (0,46% e 0,9% e mucilagens (2,2% e 4,1% de ambas as espécies, podem contribuir no controle de qualidade das drogas vegetais uma vez que são usadas indistintamente na produção de fitoterápicos.

  1. Anatomia e histoquímica das folhas de Senna alata Anatomy and histochemistry of Senna alata leaves

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    I.M.C. Rodrigues

    2009-01-01

    Full Text Available Senna alata é uma espécie daninha frequente em pastagens da região amazônica, cujas folhas apresentam propriedades medicinais. Indivíduos dessa espécie foram cultivados e coletados no Campo Experimental da Embrapa Amazônia Oriental, em Belém-PA, para a realização de análises anatômica e histoquímica das folhas, com a finalidade de fornecer elementos para a taxonomia, identificação microscópica de aleloquímicos e caracterização ecofisiológica da espécie. As folhas apresentaram duas formas de tricomas: tectores e glandulares. Outras características foliares encontradas na espécie foram: lâmina foliar anfiestomática, mesofilo dorsiventral e epiderme abaxial papilosa. Algumas dessas características sugerem um mecanismo de adaptação a ambientes com excesso de calor. As folhas são ricas em cristais de oxalato de cálcio, ao longo de suas nervuras - característica da subfamília Caesalpinioideae. Compostos fenólicos, como flavonoides e antraquinonas, foram encontrados em células epidérmicas, da base de tricomas, e células dispersas no parênquima paliçádico, especialmente nas proximidades da nervura mediana. Este estudo confirmou a presença de conhecidas classes de aleloquímicos em diferentes tipos de células do mesofilo de Senna alata.Senna alata is one of the most frequent weed species in the Amazonian region pastures. Its leaves present medicinal properties. Individuals of this species were cultivated and collected in the Experimental Field of Embrapa Amazônia Oriental, Belém-PA, to carry out anatomical and histochemical analyses to provide taxonomy information, microscopic identification of allelochemicals and ecophysiological characterization of the species. Leaves presented two forms of trichomes: tector and glandular. Other foliar characteristics of the species were: amphistomatic leaf, dorsiventral mesophyll and abaxial epidermis papillose. Some of these suggest an adaptation mechanism to excessive warm

  2. Investigação das atividades antioxidante e antimicrobiana de duas espécies arbóreas ocorrentes no bioma caatinga

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fábio Rogério Santos Nunes

    2016-05-01

    Full Text Available O bioma caatinga é um bioma brasileiro predominante e único no Nordeste do Brasil. Esse bioma abriga uma impressionante biodiversidade florística com espécies ricas em moléculas bioativas. O objetivo deste trabalho foi investigar a atividade antioxidante e antimicrobiana de duas espécies vegetais arbóreas ocorrentes na caatinga. Nos ensaios de atividade antioxidante dos extratos etanólicos da casca do caule das espécies Leucaena leucocephala e Cnidoscolus quercifolius foram avaliados o teor de fenólicos totais e atividade antioxidante pelos métodos de captura dos radicais livres DPPH (radical 1,1-diphenil-2-picrilhydrazil e ABTS (radical 2,2’azinobis-(3-ethylbenzthiazoline-6-sulfonic acid. A atividade antimicrobiana desses extratos foi avaliada frente às espécies bacterianas Enterococcus faecales (ATCC 29212, Streptococcus pneumoniae (ATCC 49619 e Staphylococcus aureus (ATCC 25923, através do ensaio de difusão em poço e determinação de Concentração Inibitória Mínima (CIM.   Os teores de fenólicos totais encontrados na espécie L. leucocephala exibiram quantidades relevantes de polifenóis, resultado não observado na espécie C. quercifolius.  Foi observado existir uma correlação direta entre a quantidade de fenólicos totais e a atividade antioxidante das espécies testadas. Nenhuma das espécies apresentou atividade antimicrobiana significativa.

  3. Parâmetros de qualidade físico-químicos e avaliação da atividade antioxidante de folhas de Plectranthus barbatus Andr. (Lamiaceae submetidas a diferentes processos de secagem

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    C.F.G SILVA

    2016-03-01

    Full Text Available RESUMO O presente trabalho descreve a composição físico-química, a avaliação da atividade antioxidante pelo método de sequestro de radicais livres DPPH, determinação de flavonoides e de fenóis totais dos extratos etanol, acetona e aquoso de Plectranthus barbatus Andr. (Lamiaceae, desidratadas em secador solar e em estufa de circulação de ar a 60 oC. Os valores de atividade de água encontrados para as duas secagens foram inferiores ao mínimo necessário para o crescimento e produção de toxina de patógenos de importância alimentar. Os resultados das análises físico-químicas demonstraram que ambos os processos mostraram-se eficientes na desidratação de P. barbatus. Os resultados demonstraram que os extratos acetona (estufa e etanol (estufa e secador solar foram os que apresentaram maior conteúdo de fenóis totais. O extrato etanólico (estufa apresentou maior quantidade de flavonoides e melhor potencial antioxidante (IC50 = 75,71 ± 10,57 µg mL-1.

  4. Avaliação da atividade antimicrobiana e antioxidante das espécies Plectranthus amboinicus (Lour. e Mentha x villosa (Huds.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rosangela Correia Freitas

    2014-01-01

    Full Text Available O uso de plantas medicinais com potencial terapêutico tem motivado a realização de estudos através de ensaios experimentais que visam fornecer informações úteis e de extrema importância. Assim o presente trabalho objetivou avaliar a atividade antimicrobiana e antioxidante das espécies de Coleus amboinicus (Lour. e Mentha x villosa (Huds. A atividade antimicrobiana foi avaliada pelo método de difusão em disco, cepas bacterianas padronizadas Gram negativas Escherichia coli (ATCC 25922 e ATCC 35218, cepas Gram positivas Staphylococcus aureus (ATCC 25923 e S. aureus ATCC 27853, assim como fungos padrões de Cryptococcus neoformans (pertencentes à coleção de microrganismos do CESMAC. Como controle positivo foi usado o imipenem e fluconazol e como controle negativo um disco com etanol absoluto. A determinação do potencial antioxidante foi realizada utilizando os métodos DPPH, FTC e determinação de compostos fenólicos. Os extratos etanólicos de C. amboinicus e M. x villosa apresentaram excelentes resultados tanto relacionado à atividade antimicrobiana quanto à antioxidante. Nossos resultados mostram a potencialidade das plantas analisadas na prevenção e no combate de doenças.

  5. Caracterização fitoquímica e físico-química das folhas de Bauhinia forficata Link coletada em duas regiões brasileiras

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Graziella Silvestre Marques

    2012-01-01

    Full Text Available Folhas da espécie vegetal Bauhinia forficata Link, popularmente conhecida como pata de vaca, apresentam amplo potencial terapêutico no tratamento do diabetes mellitus. Amostras desta espécie vegetal, obtidas em duas regiões do Brasil (Minas Gerais e Paraná, foram submetidas à caracterização fitoquímica e físico-química (granulometria, perda por dessecação, teor de cinzas e teor de extrativos para realização de um estudo comparativo entre indivíduos cultivados em regiões distintas, bem como estabelecimento de especificações para seu controle de qualidade. Para a caracterização fitoquímica, extratos metanólicos das amostras foram avaliados através de cromatografia de camada delgada (CCD para pesquisa das principais classes de metabolitos secundários. Enquanto que, para as análises físico-químicas foram adotadas metodologias farmacopeicas. A análise estatística dos dados realizouse através dos testes F de Fischer e t de Student. De acordo com a avaliação fitoquímica foi possível observar um perfil similar para ambas as amostras com presença dos seguintes grupos: flavonóides, proantocianidinas, leucoantocianidinas, triterpenos, esteróides, açúcares redutores, além de substâncias antioxidantes com bandas coincidentes às dos compostos flavonoídicos. Por outro lado, as amostras apresentaram algumas propriedades físico-químicas diferentes tais como granulometria e umidade residual em virtude da origem e do processamento adotados pelos fornecedores. Já os valores do teor de cinzas mostraram-se dentro das especificações e não foi observada diferença significativa para o teor de extrativos. Os resultados obtidos neste trabalho contribuíram no processo de identificação e padronização de parâmetros de qualidade para as folhas de B. forficata.

  6. Plasticidade anatômica das folhas de Xylopia brasiliensis Sprengel (Annonaceae Leaf anatomical plasticity of Xylopia brasiliensis Sprengel (Annonaceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cristina Filomena Justo

    2005-03-01

    Full Text Available A anatomia foliar do gênero Xylopia ainda é pouco explorada. A espécie Xylopia brasiliensis Sprengel, vulgarmente conhecida como pindaíba, ocorre tanto em mata primária como em vegetação modificada num amplo espectro de condições ambientais. O presente estudo descreve algumas características anatômicas da folha de X. brasiliensis e avalia quantitativamente o limbo foliar em função das diferenças ambientais, sazonais e de estatura das plantas. Verificou-se que a espécie apresenta plasticidade anatômica.Leaf anatomy of Xylopia is still poorly explored. The species Xylopia brasiliensis Sprengel, commonly known as pindaíba occurs in primary forest and in modified vegetation in a wide range of environmental conditions. The present study describes some leaf anatomical characteristics of this species and quantitatively evaluates them in function of environmental, seasonal and plant height differences. This species has anatomical plasticity.

  7. Cultivo do tomateiro sob diferentes espaçamentos entre plantas e diferentes níveis de desfolha das folhas basais

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Tiago Luan Hachmann

    2014-12-01

    Full Text Available Este trabalho teve como objetivo estudar a influência do espaçamento entre plantas e o nível de desfolha das folhas baixeiras nas características produtivas de frutos de tomate. O delineamento experimental utilizado foi de blocos casualizados, em esquema fatorial de 2x4, com cinco repetições. Foram avaliados dois espaçamentos entre plantas (0,30 e 0,50 m e quatro níveis de desfolhas (0, 50 e 100% das folhas baixeiras retiradas após o pegamento dos frutos do primeiro cacho e 100% das folhas baixeiras retiradas após a colheita do primeiro cacho. Foi avaliado o número de frutos normais, com defeito e total por cacho; massa dos frutos normais, com defeito e total por cacho; diâmetro longitudinal e transversal dos frutos normais; e produtividade de frutos normais e total por cacho. A remoção das folhas baixeiras é favorável para as características produtivas, quando há uma maior densidade de plantas, e deve ser realizada antes da formação dos primeiros cachos. Para plantas mais espaçadas as folhas baixeiras exercem influência nessas características, não sendo favorável sua remoção durante a formação do primeiro cacho mas sim após a sua colheita. A desfolha é uma prática que pode ser utilizada para aumentar a aeração, melhorar o aproveitamento da radiação solar e diminuir problemas fitossanitários.

  8. Caracterização e avaliação das propriedades antioxidantes de filmes biodegradáveis incorporados com polpas de frutas tropicais

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Emanuelle Andrade Dantas

    2015-01-01

    Full Text Available O trabalho teve como objetivo desenvolver e caracterizar embalagens ativas flexíveis formuladas pela incorporação de polpas de frutas tropicais a uma matriz polimérica de amido de mandioca plastificada com glicerol, avaliando as propriedades mecânicas, de barreira e a eficácia antioxidante destas embalagens durante o armazenamento. As embalagens foram produzidas por casting, com concentrações fixas de amido de mandioca (4,5% e glicerol (1,0%, e concentrações de polpa de manga, acerola e seriguela entre 5 e 20%. Foram caracterizadas as propriedades de barreira (espessura, umidade, sólidos totais, atividade de água e solubilidade e propriedades mecânicas dos filmes. A ação antioxidante dos aditivos incorporados foi avaliada através do armazenamento do azeite de dendê embalado com os filmes contendo os aditivos naturais, monitorando a sua oxidação por 40 dias, sob condições de oxidação acelerada (63%UR/30°C. A adição das polpas de frutas aos filmes promoveu um aumento da resistência mecânica. Os filmes com as polpas incorporadas desempenharam efeito antioxidante sobre o azeite de dendê durante os 40 dias de armazenamento, podendo ser aplicados para o controle da oxidação deste produto.

  9. Análise espectrofotométrica da atividade fotoprotetora in vitro de extratos das folhas de Byrsonima sericea

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cristianne Oliveira Medina

    2016-07-01

    Full Text Available No Brasil, o número de casos de câncer de pele tem aumentado, representando um considerável problema de saúde pública. Diversos fitocosméticos têm sido desenvolvidos com filtros solares e sob ponto de vista mercadológico a adição de produtos naturais, em particular contendo compostos fenólicos, tem sido alvo de vários estudos. O objetivo desse trabalho foi determinar o Fator de Proteção Solar (FPS dos extratos etanólico (ET-NOV e ET FEV e aquoso (AQ-FEV das folhas de murici (Byrsonima sericea e avaliar o seu potencial de aditivação do FPS em uma emulsão contendo o filtro químico metoxicinamato de octila. Foi realizada uma triagem fitoquímica preliminar para cada extrato. O Fator de Proteção Solar (FPS foi determinado pelo método espectrofotométrico. A triagem fitoquímica revelou a presença de taninos e heterosídeos digitálicos para todos os extratos. O fator de proteção solar (FPS para os extratos etanólico (ET-NOV e ET FEV e aquoso (AQ-FEV das folhas do murici (Byrsonima sericea não foram significativos (FPS 1.44, 1.36 e 0.68, respectivamente. Da mesma forma, a associação do extrato etanólico da folhas da Byrsonima sericea e metoxinamato de octila não mostraram ação sinérgica.Palavras-chave: Byrsonima sericea. Prospecção Fitoquímica. Espectrofotometria. Fator de proteção solar. ABSTRACTSpectrophotometric analyses of in vitro photoprotective activity of extracts from the leaves of Byrsonima sericeaIn Brazil, the number of cases of skin cancer has increased, representing a significant public health problem. Various phytocosmetics have been developed with sunscreens and from marketing’s point of view the addition of natural products in particular containing phenolic compounds, has been the subject of several studies. The aim of this study was to determine the sun protection factor (SPF of Birsonima sericea leaves ethanolic extract (ET-NOV and ET-FEV and aqueous extract (AQ–FEV and assess its

  10. Preparação e estabilidade do extrato antociânico das folhas da Acalipha hispida

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    BAILONI Marcio A.

    1998-01-01

    Full Text Available Folhas da Acalipha hispida, foram extraídas com MeOH/ácido cítrico a baixa temperatura e ao abrigo da luz. Os extratos livres de clorofila e outros produtos solúveis em éter etílico foram concentrados por osmose reversa (30°C e finalmente sob vácuo a 35-37°C. Soluções do produto concentrado em tampão citrato/fosfato foram mantidas sob N2 ao abrigo da luz e sob efeito de luz de 2.500 lumens por tempos variáveis acima de 600 h. Pela medida da variação da absorbância dos sistemas a 530 nm foi possível calcular os valores de K e t½ de cada sistema. A principal antocianina foi tentativamente identificada como cianidina-3-arabinosil-glucosídeo.

  11. Triterpenos das folhas de Minquartia guianensis Aubl. (Olacaceae Triterpenes from the leaves of Minquartia guianensis Aubl. (Olacaceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Lorena Mayara de Carvalho Cursino

    2009-03-01

    Full Text Available Este artigo descreve o isolamento dos triterpenos lupeol, taraxerol, lupen-3-ona e esqualeno obtido do extrato diclorometânico das folhas da espécie Minquartia guianensis Aubl., pertencente à família Olacaceae. Estes terpenóides foram isolados através de técnicas cromatográficas e identificados utilizando Ressonância Magnética Nuclear (RMN de ¹H e de 13C. Na literatura disponível, este é o primeiro relato destes triterpenos em M. guianensis.This article describes the isolation of the triterpenes lupeol, taraxerol, lupen-3-one and squalene from the dichloromethane extract of the leaves of Minquartia guianensis Aubl. belonging to the Olacaceae family. These terpenoids were isolated through chromatographic techniques and identified using ¹H and 13C Nuclear Magnetic Resonance (NMR. At the best of our knowledge, this is the first report of these triterpenes in M. guianensis.

  12. Cucumber seedling dependence on cotyledonary leaves for early growth Dependência das folhas cotiledonares para o crescimento inicial de pepino

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Dilson Antônio Bisognin

    2005-06-01

    Full Text Available The objective of this work was to evaluate the dependence of cucumber (Cucumis sativus L. seedlings on cotyledonary leaves for early growth and establishment. Sets of two uniform emerging seedlings were used to quantify the initial growth and dry matter accumulation, as well as the intensity and stage of cotyledon damage in seedling establishment and to determine cotyledon protein, amino acid and carbohydrate contributions to the growing seedling. Cucumber seedling establishment was found to be highly dependent on cotyledonary leaves. Root system establishment was highly dependent on the health of the aerial part. One cotyledon was enough to maintain aerial growth of seedlings after unfolding the first true leaf. Cucumber seedlings depended on both cotyledons to keep root system growth at least until leaf area was equivalent to cotyledon area. Covering one or both cotyledons of seedlings with one unfolded leaf increased carbohydrate content of uncovered cotyledon and leaves compared with control seedlings. Cucumber seedlings are highly dependent on cotyledonary leaves and aerial parts are less dependent than root system. Cotyledon damage at early stages of plant establishment would adversely impact crop yield by reducing plant density, an important yield component, or slowing down seedling growth and establishment.O objetivo deste trabalho foi estudar o desempenho das folhas cotiledonares no crescimento inicial e estabelecimento de plântulas de pepino (Cucumis sativus L.. Grupos de duas plântulas uniformemente emergidas foram utilizados para quantificar o crescimento inicial e acúmulo de matéria seca, o efeito da intensidade e época de remoção dos cotilédones sobre o estabelecimento da plântula, e a contribuição de proteínas, aminoácidos e carboidratos dos cotilédones para o crescimento inicial. O estabelecimento das plântulas de pepino foi altamente dependente das folhas cotiledonares. As folhas cotiledonares foram fundamentais

  13. ESTUDO FITOQUÍMICO, TOXICOLÓGICO E MICROBIOLÓGICO DAS FOLHAS DE Costus spicatus Jacq.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Antônio Paulo Ribeiro Bitencourt

    2014-12-01

    Full Text Available A espécie vegetal Costus spicatus Jacq. (cana-do-brejo, espécie pertencente à família Zingiberaceae, é utilizada na medicina popular, principalmente na região amazônica como depurativa e diurética, aliviando infecções urinárias e auxiliando na eliminação de pedras renais. O objetivo desta pesquisa foi realizar o estudo fitoquímico em busca das principais classes de metabólitos secundários, atividade microbiológica e citotóxica frente a Artemia salina do extrato bruto etanóico das folhas de Costus spicatus. O teste fitoquímico foi realizado por métodos químicos, visando determinar os seguintes metabólitos: alcalóides, fenóis e taninos, flavonóides, antraquinonas, saponinas, triterpenos, açucares redutores, polissacarídeos, ácidos orgânicos e esteróides. Quanto ao bioensaio de citotoxicidade foi realizado o teste com Artemia salina, onde se considerou a morte ou vida dos metanáuplios. O teste microbiológico foi utilizado a prática de difusão em disco com linhagens bacterianas padronizadas em concentrações de 25μg/mL, 50μg/mL e 100μg/mL do extrato bruto etanólico. Nessa perspectiva, foi possível observar a presença de alcaloides, e também, fenóis e taninos. O extrato bruto apresentou alto grau de toxicidade nas concentrações A. salina. Para avaliar a presença da atividade antimicrobiana foram medidos os halos de inibição do extrato, verificando que após 24h de incubação não houve formação significativa dos halos, onde foi possível determinar que não há efeito inibidor do extrato frente às linhagens bacterianas e nas concentrações utilizadas. Palavras-chave: Costus spicatus, screening fitoquímico, bioensaio de toxicidade, Artemia salina, ensaio microbiológico. DOI: http://dx.doi.org/10.18561/2179-5746/biotaamazonia.v4n4p75-79

  14. O carvedilol potencializa o efeito antioxidante das vitaminas E e C na cardiopatia chagásica crônica

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Patrícia Budni

    2013-10-01

    Full Text Available FUNDAMENTO: A doença de Chagas continua a ser uma importante doença endêmica no país, sendo o acometimento cardíaco a sua manifestação mais grave. OBJETIVO: Verificar se o uso concomitante de carvedilol potencializará o efeito antioxidante das vitaminas E e C na atenuação do estresse oxidativo sistêmico na cardiopatia chagásica crônica. MÉTODOS: Foram estudados 42 pacientes com cardiopatia chagásica, agrupados de acordo com a classificação modificada de Los Andes, em quatro grupos: 10 pacientes no grupo IA (eletrocardiograma e ecocardiograma normais: sem envolvimento do coração, 20 pacientes do grupo IB (eletrocardiograma normal e ecocardiograma anormal: ligeiro envolvimento cardíaco, oito pacientes no grupo II (eletrocardiograma e ecocardiograma anormais, sem insuficiência cardíaca: moderado envolvimento cardíaco e quatro pacientes no grupo III (eletrocardiograma e ecocardiograma anormais com insuficiência cardíaca: grave envolvimento cardíaco. Os marcadores de estresse oxidativo foram medidos no sangue, antes e após um período de seis meses de tratamento com carvedilol e após seis meses de terapia combinada com vitaminas E e C. Os marcadores foram: atividades da superóxido dismutase, catalase, glutationa peroxidase, glutationa S-transferase e redutase, mieloperoxidase e adenosina deaminase, e os níveis de glutationa reduzida, de espécies reativas do ácido tiobarbitúrico, proteína carbonilada, vitamina E e óxido nítrico. RESULTADOS: Após o tratamento com carvedilol, todos os grupos apresentaram diminuições significativas dos níveis de proteína carbonilada e glutationa reduzida, enquanto os níveis de óxido nítrico e atividade da adenosina aumentaram significativamente apenas no grupo menos acometido (IA. Além disso, a maioria das enzimas antioxidantes mostrou atividades diminuídas nos grupos menos acometidos (IA e IB. Com a adição das vitaminas ao carvedilol houve diminuição dos danos em prote

  15. CARACTERIZAÇÃO ANATÔMICA E HISTOQUÍMICA DAS FOLHAS DE EUGENIA UNIFLORA L.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rafaela Damasceno Sá

    2016-10-01

    Full Text Available Eugenia uniflora L., popularmente conhecida como pitangueira, é uma importante frutífera muito utilizada na medicina tradicional brasileira para o tratamento de diarreia e disenteria, gripe, parasitas intestinais, febre, hipertensão e como calmante e diurético. Devido ao seu amplo interesse popular e com o intuito de ampliar as informações farmacobotânicas da espécie, este trabalho tem como objetivo realizar a caracterização anatômica e histoquímica das folhas de E. uniflora. Foram confeccionadas e analisadas em microscópico de luz lâminas semipermanentes contendo secções transversais de pecíolo e lâmina foliar, além de secções paradérmicas de lâmina foliar. Realizou-se também testes histoquímicos em secções transversais de lâmina foliar A análise microscópica permitiu a identificação de estruturas importantes na diagnose da espécie: cavidades secretoras no pecíolo e na lâmina foliar; cristais prismáticos no floema do pecíolo e da lâmina foliar, bem como no mesofilo e nas células parenquimáticas e colenquimáticas da nervura central; drusas estão presentes apenas no parênquima do pecíolo e no mesofilo, parênquima e colênquima da lâmina foliar; presença de cutícula espessa no pecíolo e na lâmina foliar; feixes vasculares bicolaterais e mesofilo dorsiventral, com parênquima paliçádico bisseriado. Através da histoquímica evidenciou-se na lâmina foliar a presença de compostos fenólicos, taninos, lignina, compostos lipofílicos, óleos essenciais, triterpenos e esteroides e cristais de oxalato de cálcio. Os resultados apresentados são úteis para a identificação correta da espécie.

  16. Investigação das atividades antinociceptiva e antiedematogênica do extrato etanólico das folhas de Joannesia princeps Vellozo

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    C. A. CANESCHI

    2009-08-01

    Full Text Available O presente estudo investigou as atividades antinociceptiva e antiedematogênica do extrato etanólico das folhas de J. princeps através dos testes de contorções abdominais, formalina, placa quente e edema de pata induzido por carragenina. O extrato etanólico reduziu (p < 0,05 as contorções abdominais (100 mg/kg = 55,75±1,29 e 200 mg/kg = 47,75±1,35 quando comparado ao grupo controle (67,25±1,51. Ambas as fases do teste de formalina foram inibidas (p < 0,05: 1ª fase (50 mg/kg = 79,50±1,12; 100 mg/kg = 69,37±1,03 e 200 mg/kg = 56,75±1,95 e 2ª fase (50 mg/kg = 86,50±1,22; 100 mg/kg = 69,62±1,66 e 200 mg/kg = 49,37±1,50. Após 90 min de tratamento, o limiar nociceptivo dos animais quando avaliados no modelo de placa quente foi aumentado de forma significativa com o extrato nas doses de 100 mg/kg (8,12±0,48 e 200 mg/kg (10,25±0,45 quando comparados com o grupo controle (6,62±0,46. Após 3 h de aplicação da carragenina, a dose de 200 mg/kg (0,43±0,02 reduziu o edema de pata em relação ao grupo controle (0,55±0,04. Este efeito também foi observado nas doses de 100 mg/kg (0,52±0,04 e 200 mg/kg (0,45±0,02 após 4 h de experimento (controle = 0,63±0,03. Estes resultados sugerem que J. princeps pode constituir uma fonte de substâncias ativas com atividades antinociceptiva e antiedematogênica. Palavras-chave: Joannesia princeps. Euphorbiaceae. Atividade antinociceptiva. Atividade antiedematogênica.

  17. Determinação da atividade antioxidante In vitro das bebidas de café e chás verde e preto

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ramon Alves de Oliveira Paula

    2015-10-01

    Full Text Available Conforme demonstrado em diversos estudos, determinadas plantas e alimentos, apresentam propriedades protetoras à saúde devido à presença de antioxidantes. Sendo assim, o presente trabalho teve como objetivo comparar o efeito antioxidante in vitro de bebidas comercializadas de café, chá verde e chá preto, utilizando a combinação de diferentes metodologias. As bebidas foram preparadas no momento de uso, de acordo com as especificações do fabricante. Foram realizados testes para determinar o teor de polifenóis nas bebidas, e avaliar o seu poder redutor, bem como sua capacidade de quelar íons de metais de transição (Fe2+ sequestrar radicais livres, e inibir a peroxidação de lipídeos. O café apresentou maior teor de compostos fenólicos, seguido do chá verde e do chá preto (p<0,05. A análise dos resultados não revelou diferenças entre as três bebidas analisadas em relação ao poder redutor e à capacidade de inibir a peroxidação de lipídeos (p>0,05. A bebida de café apresentou uma maior atividade quelante do que o chá preto enquanto que o chá preto e o café apresentaram maior capacidade sequestrante de radicais DPPH em comparação com o chá verde. Os dados obtidos permitem sugerir que a bebida de café, provavelmente por ter maior concentração de polifenóis, pode ser considerada a melhor no que diz respeito à atividade antioxidante. Assim, a bebida de café, além de ser uma das bebidas mais populares do mundo por seu aroma e sabor, poderia também contribuir para a prevenção de danos oxidativos de maneira mais eficiente que os chás analisados neste estudo.Palavras-chave: Antioxidantes. Café. Chá verde. Chá preto. Compostos fenólicos. ABSTRACT Numerous studies have demonstrated that certain plants and foods exhibit health protective properties due to the presence of antioxidants. In this sense, the present study aimed to compare the in vitro antioxidant effect of the commercialized beverages of coffee

  18. Preparo e caracterização de tinturas das folhas de chá verde [Camellia sinensis (L. O. Kuntze] Theaceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    C.B. Santos

    2014-12-01

    Full Text Available Tinturas preparadas com as folhas de Camellia sinensis (chá verde, foram caracterizadas visando a obtenção de extratos enriquecidos em polifenóis. As tinturas foram obtidas por meio de maceração estática da droga pulverizada, com diferentes misturas de 60, 70, 80 e 94,5% de etanol em água. Em seguida foram filtradas e, após 8 dias de extração, realizaram-se as analises: organoléptica, pH, densidade, determinação do resíduo seco, perfil cromatográfico por camada delgada, e teor de polifenóis. Os resultados demonstraram que o solvente (mistura hidroalcoólica a 60 ou 70% extraiu a maior quantidade de constituintes químicos do chá verde; também foi o mais seletivo ao extrair, especificamente os polifenóis. Estes dados sugerem que a utilização de álcool etílico a 60 ou 70% conduz à obtenção de tinturas mais ricas em polifenóis, a partir das folhas do chá verde (C. sinensis.

  19. Avaliação da atividade antioxidante e alelopática do extrato etanólico e frações das cascas do caule de Zanthoxylum rhoifolium Lam., Rutaceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Joelle de Melo Turnes

    2014-08-01

    Full Text Available Este trabalho teve como objetivo o estudo das atividades antioxidante e alelopática das cascas do caule de Zanthoxylum rhoifolium Lam., Rutaceae, de modo a conduzir à descoberta de substâncias biologicamente ativas. O material vegetal foi submetido à extração etanólica e este extrato foi fracionado obtendo as frações (hexano, clorofórmio, acetato de etila e hidroalcoólica. Para a avaliação da atividade antioxidante, empregaramse os métodos de redução do complexo fosfomolibdênio, de redução do radical DPPH e das substâncias reativas ao acido tiobarbitúrico (TBARS. Quanto à alelopatia, as amostras foram testadas em quatro concentrações sobre a germinação e o desenvolvimento de radícula e hipocótilo das sementes de Lactuca sativa. As amostras evidenciaram atividade antioxidante significativa frente ao método de redução do complexo fosfomolibdênio quando comparada à rutina, e do TBARS quando comparado ao BHT, assim como a atividade alelopática, uma vez que estimularam tanto a germinação como o crescimento das sementes. A fração clorofórmica e acetato de etila demonstraram melhor potencial antioxidante com 204,17% e 127,11% em relação à rutina no método de formação do complexo fosfomolibdênio, e o extrato bruto e a fração hexano com 64,2% e 60,9%, em relação ao BHT, no método TBARS. No ensaio alelopático, destaca-se a fração clorofórmica, pois foi a única amostra que estimulou o crescimento do hipocótilo e radícula na maioria das concentrações, variando de 41 a 144%, e a fração acetato de etila que apresentou a maior porcentagem de estímulo nesse bioensaio, demonstrando estímulo de 274% do crescimento do hipocótilo. Este é o primeiro trabalho que demonstra a atividade antioxidante e alelopática de Z. rhoifolium.

  20. Antioxidant activity of extracts and condensed tannins from Maytenus ilicifolia Mart. ex Reiss; Atividade antioxidante de extratos e taninos condensados das folhas de Maytenus ilicifolia Mart. ex Reiss

    Energy Technology Data Exchange (ETDEWEB)

    Pessuto, Monica Bordin; Costa, Isis Casemiro da; Souza, Angelita Boldieri de; Nicoli, Fernanda Michely; Mello, Joao Carlos Palazzo de [Universidade Estadual de Maringa (UEM), PR (Brazil). Dept. de Farmacia e Farmacologia]. E-mail: mello@uem.br; Petereit, Frank [Westfaelische Wilhelms-Universitaet, Muenster (Germany). Inst. for Pharmaceutical Biology and Phytochemistry; Luftmann, Heinrich [Westfaelische Wilhelms-Universitaet, Muenster (Germany). Inst. for Organic Chemistry

    2009-07-01

    Maytenus ilicifolia Mart. ex Reiss. Maytenus ilicifolia (Celastraceae) is a native plant of South America and popularly known as 'espinheira-santa'. The aim of this study was to evaluate the antioxidant capacity of extracts and isolated compounds from this plant. The antioxidant activity of the crude and semipurified extracts and isolated compounds was evaluated through DPPH-radical and phosphomolybdenum-complex assays. By both methods, the ethyl-acetate fraction demonstrated better antioxidant capacity compared with vitamin C and trolox. In the compounds, the higher the number of hydroxyls, the greater the antioxidant activity. In addition, stereochemistry influenced antioxidant activity, i.e., compounds with 2 R,3 R showed greater activity than those with 2 R,3 S. (author)

  1. Caracterização anatômica das folhas de Cunila microcephala Benth. (Lamiaceae Anatomic characterization of Cunila microcephala Benth. (Lamiaceae leaves

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria da Graça Teixeira de Toledo

    2004-12-01

    Full Text Available No presente trabalho fez-se a análise da organização estrutural das folhas de Cunila microcephala em microscopia fotônica e microscopia eletrônica de varredura. Seguiram-se as técnicas convencionais no preparo do material para obtenção das lâminas semipermanentes. Para a preparação de lâminas permanentes utilizou-se a técnica de inclusão em glicol metacrilato (GMA. A organização estrutural das folhas desta espécie revela: estômatos em ambas as faces com predominância na face abaxial (folha anfi-hipoestomática. Os estômatos da face adaxial são do tipo diacítico. As paredes anticlinais das células epidérmicas da face adaxial são sinuosas e apresentam espessamentos irregulares. As epidermes de ambas as faces são uniestratificadas. Tricomas tectores unisseriados e tricomas glandulares do tipo capitado unicelular e pluricelular se fazem presentes em ambas as faces. O mesofilo é heterogêneo dorsiventral. Idioblastos contendo cristais de inulina se fazem presentes em toda a extensão do limbo. A nervura principal em secção transversal, na porção mediana da lâmina foliar revela uma organização bastante simples, pouco saliente, na qual o parênquina clorofiliano paliçádico apresenta solução de continuidade. Os feixes vasculares são colaterais.This work has focused on the structural organization analysis of Cunila microcephala leaves in photonic microscopic and electronic scanning. Conventional techniques have been used to prepare the material for obtaining semi-permanent plates. For the preparation of permanent plates, the immersion into glycol methacrylate (GMA has been performed. The structural organization of leaves belonging to this species reveals stomata in both faces with predominance in the abaxial face (amphihypostomatic leaf. The adaxial face stomata belongs to the diacytic type. The anticlinal walls of the epidermis cells of the adaxial face are sinuous and present irregular thickening. The epidermis of

  2. EXTRAÇÃO E QUANTIFICAÇÃO DAS CLOROFILAS A E B NAS FOLHAS DA XANTHOSOMA SAGITTIFOLIUM

    OpenAIRE

    Gabriela Coelho Couceiro; Yara Barbosa Bustamante; Janicy Arantes Carvalho; Diego Pachelli Teixeira; Patrícia Marcondes dos Santos; Milton Beltrame Junior; Andreza Ribeiro Simioni

    2017-01-01

    A planta Xanthosoma sagittifolium (taioba) é uma hortaliça que pode suprir muitas necessidades, sendo uma fonte de proteínas, cálcio, ferro, vitamina C e outros nutrientes. As clorofilas são os pigmentos mais abundantes nas plantas e possuem vários benefícios à saúde. Sendo assim, foi analisada a presença das clorofilas na espécie Xanthosoma sagittifolium devido ao seu papel na alimentação e seus benefícios à saúde. A concentração das clorofilas a e b foram determinadas por espectrofotometria...

  3. Avaliação da atividade citotóxica dos extratos etanólicos da casca e das folhas da Terminalia fagifolia Mart. sobre células normais e tumorais

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Patrícia Siqueira de Melo Rodrigues

    2017-02-01

    Full Text Available Introdução: A procura por novas alternativas terapêuticas, como as que utilizam as plantas medicinais, tem despertado grande interesse da comunidade científica na busca por tratamentos mais eficientes para as doenças, incluindo o câncer. Terminalia fagifolia Mart. é uma planta medicinal encontrada no Cerrado brasileiro, usada popularmente no tratamento de aftas e tumores. Objetivos: Avaliar a atividade citotóxica dos extratos etanólicos da casca e das folhas da Terminalia fagifolia em linhagens celulares NIH 3T3 e L929 e tumorais PC3 e B16F10. Métodos: Foi realizada a metodologia de determinação da viabilidade celular em ensaio com monocamada de células utilizando o ensaio MTS. As linhagens NIH 3T3, L929, PC3 e B16F10 foram expostas por 24 horas a diferentes concentrações dos extratos etanólicos da casca e folhas da Terminalia fagifolia. Resultados: Os resultados adquiridos mostraram que os extratos apresentaram viabilidade celular, sendo considerada de moderada a alta, para as células normais NIH 3T3 e L929 e citotoxicidade severa para as células tumorais PC3 e B16F10. Dessa forma, torna-se necessária a continuidade dos estudos com essa planta, pois os extratos da casca e das folhas apresentaram atividades antitumorais muito promissoras. Conclusões: Os extratos da casca e das folhas demonstraram viabilidade celular ≥ 50% nas linhagens celulares normais NIH 3T3 e L929 e demonstraram atividade citotóxica para as linhagens tumorais PC3 e B16F10, apresentando redução da viabilidade celular em torno de 60% e 70%, respectivamente.

  4. Toxicidade do extrato aquoso das folhas de Anacardium humile para Bemisia tuberculata Toxicity of aqueous extract of Anacardium humile leaves on Bemisia tuberculata

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Nézio Nery de Andrade Filho

    2010-08-01

    Full Text Available A mosca-branca Bemisia tuberculata (Bondar, 1923 (Hem.: Aleyrodidae é uma das principais pragas da cultura da mandioca no Estado do Mato Grosso do Sul; no entanto, não há produtos registrados para seu controle. Produtos vegetais podem constituir em alternativa viável de controle de insetos e, por sua fotodegradabilidade, diminuir os riscos ao ambiente e ao homem. Objetivou-se, por meio deste trabalho, avaliar o efeito do extrato aquoso do "cajuzinho-do-cerrado" Anacardium humile St Hill (Anacardeaceae, nas concentrações de 2,0; 0,8; 0,4 e 0,05%, sobre a biologia de B. tuberculata, bem como identificar a classe de metabólitos secundários presentes no referido extrato. O experimento foi conduzido em casa de vegetação, sob temperatura de 26±4°C. O extrato aquoso de A. humile causou aumento da duração da fase larval e mortalidade significativamente superior à testemunha em todas as concentrações testadas. Concluiu-se que o extrato aquoso de folhas de A. humile provoca mortalidade em ninfas de B. tuberculata e alongamento da fase das ninfas sobreviventes. O extrato aquoso de folhas de A. humile apresenta taninos, açúcares redutores e saponinas, e o seu índice de espuma (Índice Afrosimétrico é de 1250.The whitefly Bemisia tuberculata (Bondar, 1923 (Hem.: Aleyrodidae is the main pest of cassava crops in Mato Grosso do Sul state, however there are no products registered for its control. Plant products may represent a viable alternative for insect pest control and, due to their photo-degradability, they may reduce risks to the environment and to man. The aim of this study is to assess the effect of "cajuzinho-do-cerrado" Anacardium humile St Hill (Anacardeaceae aqueous leaf extract on the biology of B. tuberculata at the concentrations 2.0; 0.8; 0.4; 0.05%, as well as to identify the class of secondary metabolites present in the referred extract. The experiment was carried out in a greenhouse at a temperature of 26±4°C. The

  5. Atividade antiproliferativa dos extratos e da fração orgânica obtidos das folhas de Virola sebifera Aubl. (Myristicaceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Carina Denny

    Full Text Available As cascas de Virola sebifera (Myristicaceae são utilizadas por populações indígenas amazônicas em preparações alucinógenas, nas quais foram encontrados alcalóides como a dimetiltriptamina e seus derivados. Considerando a enorme importância dos alcalóides isolados de plantas na terapêutica do câncer e a presença desses compostos em espécies de Virola, o presente trabalho teve por objetivo o estudo da atividade antiproliferativa em cultura de células tumorais humanas de extratos e da fração orgânica, obtidos das folhas de Virola sebifera. O extrato bruto diclorometânico (EBD foi considerado o mais ativo, com seletividade principalmente para a linhagem de pulmão (NCI-460 - IC50: 4,46 µg/mL e para a fração orgânica (FO obtida por extração ácido-base - IC50; 6,91 µg/mL. A atividade observada possivelmente pode ser atribuída a alcalóides ou compostos nitrogenados que foram evidenciados pelo corante Dragendorff. Assim, a purificação da FO será necessária a fim de comprovar a presença de compostos nitrogenados, através de isolamento e determinação estrutural, bem como a participação desses compostos na atividade antiproliferativa observada.

  6. Atividade anti-helmíntica do extrato aquoso das folhas de Zanthoxylum rhoifolium Lam. (Rutaceae Anthelmintic activity of aqueous extract of Zanthoxylum rhoifolium Lam. leaves (Rutaceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Peneluc Taíse

    2009-12-01

    Full Text Available O estudo avaliou a atividade anti-helmíntica do extrato aquoso das folhas de Zanthoxylum rhoifolium em dois experimentos. O teste in vitro utilizou cultivos de fezes de caprinos tratados com diferentes concentrações do extrato: (134,5 a 335,0 mg.mL-1. No teste in vivo, utilizaram-se 20 ovelhas: G1 tratado durante quatro dias (0,63 g.kg-1 PV; G2, mesma dose, por oito dias; G3, ivermectina (200 μg.kg-1; e G4, sem tratamento. In vitro, observou-se redução de larvas de Haemonchus, Trichostrongylus e Oesophagostomum superior a 95% nas concentrações de 193,7 a 335,0 mg.mL-1. In vivo, a redução de ovos por grama de fezes foi de 51, 56 e 90%, respectivamente, para G1, G2 e G3, no oitavo dia de tratamento, enquanto para os estágios imaturos e adultos variou de 0 a 91% no G1 e 26 a 94% no G2. A eficácia da ivermectina alcançou 99% para L4 e L5 de H. contortus e 100% para as demais espécies de nematoides. Parâmetros clínicos e bioquímicos permaneceram na faixa de normalidade, e as análises histopatológicas não revelaram alterações sugestivas de toxicidade. Embora altamente efetivo in vitro, o extrato aquoso de folhas de Z. rhoifolium foi pouco eficaz in vivo na redução de nematoides gastrintestinais.The study evaluated the anthelmintic activity of aqueous extract of Zanthoxylum rhoifolium leaves in two experiments. In vitro test, cultures of goat fecal samples were treated with different concentrations of extract (134.5 to 335.0 mg.mL-1. In vivo test was composed of 20 sheep: G1: treated with 0.63 g.kg-1, during four days; G2: same dose, for eight days; G3: ivermectin (200 μg.kg-1 and G4 untreated group. In vitro results showed a reduction of Haemonchus spp, Trichostrongylus spp. and Oesophagostomum spp. larvae greater than 95% in the concentrations between 335.0 and 193.7 mg.mL-1. Faecal egg counting reduction was 51, 56 and 90% in G1, G2 and G3, respectively, while immature stages and adults ranged from 0 to 91% in G1 and from 26

  7. Contribuição das folhas cotiledonares para o crescimento e estabelecimento de plântulas de cucurbitáceas Cotyledonary leaf contribution for growth and establishment of cucurbit seedlings

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Dilson Antônio Bisognin

    2004-06-01

    Full Text Available As cucurbitáceas apresentam germinação epigeal, cujos cotilédones têm a dupla função de fornecer substâncias de reserva e fotoassimilados para o crescimento e o estabelecimento da plântula. O objetivo deste trabalho foi quantificar o nível de dependência de plântulas de abóbora híbrida (Cucurbita maxima x C. moschata, melancia (Citrullus lanatus, pepino (Cucumis sativus e porongo (Lagenaria siceraria em relação às folhas cotiledonares para o crescimento e estabelecimento inicial. Foi efetuada a remoção de um ou dois cotilédones aos 3; 6; 9 e 12 dias após a emergência (DAE, comparando-se o crescimento das plântulas com o de plântulas controle (sem remoção. O crescimento inicial foi avaliado a cada três dias, da emergência até 21 DAE, determinando-se a taxa de expansão das folhas cotiledonares, o período de tempo até a equivalência entre área foliar e cotiledonar e a produção de matéria seca. A abóbora apresentou a maior taxa de expansão das folhas cotiledonares, o menor período até a emissão e expansão das folhas verdadeiras e a maior produção de matéria seca. As plântulas de abóbora e pepino apresentaram a maior dependência em relação às folhas cotiledonares. Os resultados obtidos mostram que danos às folhas cotiledonares, dependendo da espécie, da intensidade e da idade da plântula, podem afetar drasticamente o crescimento inicial e o estabelecimento das plântulas, com reflexos evidentes no rendimento de frutos em cucurbitáceas.Cucurbit species have epigeal cotyledons adapted for both storage and photoassimilation functions. Seedling dependence on cotyledonary leaves for initial growth and establishment was quantified for hybrid squash (Cucurbita maxima x C. moschata, watermelon (Citrullus lanatus, cucumber (Cucumis sativus, and bottlegourd (Lagenaria siceraria. One or both cotyledons were excised at 3; 6; 9; and 12 days after emergence (DAE and initial growth was compared to control

  8. Propriedades antioxidantes da cerveja artesanal

    OpenAIRE

    Lucas Brambilla Hilbig Feistauer

    2016-01-01

    Na cultura ocidental o hábito de consumir cerveja é bem disseminado, sendo essa, umas das bebidas mais consumidas no mundo, ocupando o primeiro lugar entre as alcoólicas. A cerveja é uma bebida complexa por incluir em seu preparo inflorescências de lúpulo, cevada e fermento, ingredientes que conferem atividades antioxidantes para essa bebida, provavelmente devido à presença de compostos fenólicos. Os polifenois são uma família de compostos, produzidos pelas plantas, muitos deles com capacidad...

  9. Atividade antioxidante de frutos de quatro cultivares de pessegueiro

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cláudia Mendes dos Santos

    2013-06-01

    Full Text Available Esforços são empregados para identificar plantas com teores de antioxidantes que conferem benefícios à saúde. A capacidade antioxidante do pêssego deve-se aos compostos fenólicos, vitamina C e carotenoides. O objetivo deste trabalho foi caracterizar quatro cultivares de pessegueiro (Aurora, Biuti, Diamante e Douradão em relação à capacidade antioxidante, determinando o teor dos compostos antioxidantes relacionados a essa atividade. Os frutos foram separados em dois grupos: sem armazenamento e armazenados por cinco dias à temperatura ambiente. Foram determinados os teores de vitamina C, carotenoides, compostos fenólicos e a capacidade antioxidante, pelos métodos DPPH e β-caroteno/ácido linoleico. As quatro cultivares mostraram-se ricas em substâncias antioxidantes, porém a intensidade dessa ação foi diferenciada entre elas. A cultivar Biuti apresentou maior teor das substâncias analisadas e maior atividade antioxidante em relação às outras cultivares. Foi observado que o potencial antioxidante dos frutos de pêssego aumentou durante o período de armazenamento.

  10. Caracterização morfoanatômica das folhas de Eremanthus erythropappus (DC. MacLeisch, Asteraceae Leaf morpho-anatomical characterization of Eremanthus erythropappus (DC. MacLeisch, Asteraceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rafael C. Dutra

    2010-12-01

    Full Text Available Eremanthus erythropappus (DC. MacLeisch (Asteraceae, popularmente conhecida como "candeia-da-serra", é uma espécie utilizada na medicina tradicional como cicatrizante e antimicrobiano. O objetivo do presente trabalho foi comparar o número de tricomas glandulares nas folhas jovens e adultas de E. erythropappus, assim como realizar a caracterização morfoanatômica destas folhas. Secções transversais e paradérmicas das folhas foram submetidas às microtécnicas fotônicas e à microscopia eletrônica de varredura. A quantificação dos tricomas glandulares foi realizada em folhas jovens e adultas com auxílio de câmara clara. As folhas são alternas ou fasciculadas e a lâmina foliar possui epiderme uniestratificada, revestida por cutícula delgada e lisa e mesofilo dorsiventral. Em ambas as faces da epiderme, ocorrem estômatos predominantemente anomocíticos e tricomas glandulares inseridos em depressões. Na face abaxial observam-se numerosos tricomas tectores. O parênquima paliçádico é uniestratificado e o parênquima voltado para a face abaxial é formado por três a cinco camadas de células com disposição compacta. As folhas jovens e adultas apresentam respectivamente 21,78±5,83 e 17,80±6,69 tricomas glandulares na face adaxial. A análise morfoanatômica das folhas de E. erythropappus mostra-se um método rápido e prático para a identificação e controle de qualidade de espécies vegetais utilizadas na terapêutica.Eremanthus erythropappus (DC. MacLeisch (Asteraceae, commonly known as 'candeia-da-serra', is a plant used in folk medicine as wound healing and antimicrobial. The aim of this study was to compare the number of glandular trichomes between the young and the mature leaves, as well as to perform the morpho-anatomical characterization of E. erythropappus leaves. Transverse and paradermal sections of the leaves were prepared according to light and scanning microtechniques for the morpho-anatomical characterization

  11. Actividad antioxidante de pigmentos antociánicos Atividade antioxidante de pigmentos antociânicos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    E. Marta Kuskoski

    2004-12-01

    Full Text Available Los antocianos son colorantes naturales pertenecientes al grupo de los flavonoides. Están presentes en casi todas las plantas y en todas sus partes, sobretodo en flores y frutos (particularmente en bayas. Para determinar la actividad antioxidante de los pigmentos antociánicos se ha utilizado el radical ABTS·+ formado tras la reacción de 2,2'azinobis-(3-etilbenzotiazolin 6-ácido sulfónico (ABTS con persulfato potásico, incubados a temperatura ambiente y durante 16 horas. Se determinó la capacidad antioxidante de cinco antocianos puros: delfinidina, cianidina, peonidina, pelargonidina y malvidina todos ellos glucosilados en el C-3 del anillo C con excepción de la delfinidina. De los antocianos ensayados, delfinidina y cianidina 3-glucósido presentan mayor actividad antioxidante, 2 veces mas que el Trolox (antioxidante sintético de referencia. Los demás antocianos tienen menor actividad pero potencial equiparable al Trolox. Por lo tanto, además de las características colorantes, los antocianos poseen potente propiedad antioxidante.As antocianinas são pigmentos naturais que pertencem ao grupo de flavonóides. Estão presentes em quase todas as plantas e em todas as partes, principalmente nas flores e frutos (particularmente nas bagas. Para determinar atividade antioxidante dos pigmentos antociânicos utilizou-se o radical ABTS·+ formado pela reação de 2,2'azinobis-(3-etilbenzotiazolin 6-ácido sulfónico (ABTS com persulfato de potássio, a temperatura ambiente por 16 horas. Determinou-se a capacidade antioxidante de cinco antocianinas: delfinidina, cianidina, peonidina, pelargonidina e malvidina todas glicosiladas no C-3 do anel C com exceção da delfinidina. Das antocianinas determinadas a delfinidina e cianidina 3-glicosideo apresentaram maior atividade antioxidante, duas vezes superior ao Trolox (antioxidante sintético padrão. As demais antocianinas tem menor atividade, porem com potencial equiparável ao Trolox. Portanto

  12. Variação sazonal nos teores de flavonoides, taninos e atividade antioxidante de Davilla rugosa Poir.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Jéssica Marques Macedo

    2013-12-01

    Full Text Available Davilla rugosa Poir. (Dilleniaceae é uma trepadeira, conhecida como folha de lixa e cipó-cabloco, com distribuição geográfica ampla no Brasil. É utilizada como analgésica, vasoconstritora, antiúlcera, útil no tratamento das hemorroidas e varizes. O objetivo do trabalho foi investigar a influência da variação sazonal sobre alguns parâmetros das folhas de D. rugosa, como os teores de flavonoides e taninos. Os teores de flavonoides e taninos, determinados nas 4 estações do ano, foram avaliados segundo a Farmacopeia Brasileira e foram mais elevados no verão (0,71%; 16,73% seguido do outono (0,58%; 16,39%. Considerando que substâncias fenólicas são, provavelmente, os responsáveis pela atividade anti-inflamatória e antiulcerogênica, podemos inferir que a melhor época de coleta, que conduza a uma matéria-prima com concentrações desejáveis de princípios ativos, é, preferencialmente, no verão seguida do outono. A atividade antioxidante do extrato de acetato de etila, desengordurado com hexano, submetido ao teste do DPPH, apresentou uma CE50 de 24,73 ± 2,95 µg/ mL e no ensaio do fosfomobdênio de 1,85 ±0,57 mmol de ácido ascórbico/mg de extrato seco. A atividade antioxidante encontrada nos extratos reforça os efeitos anti-inflamatórios e antiúlcera gástrica atribuídos para a espécie.

  13. Estimação da área foliar do algodoeiro por meio de dimensões e massa das folhas Cotton leaf area estimates based on leaf dimensions and dry mass methods

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    José Eduardo B. A. Monteiro

    2005-01-01

    Full Text Available O objetivo deste trabalho foi avaliar dois métodos de estimação da área foliar do algodoeiro, por meio de suas dimensões e massa seca das folhas. Foram utilizadas as cultivares IAC 23 e Coodetec 401. No método que utilizou dimensões, as folhas do algodoeiro foram agrupadas em novas, cordiformes e maduras. Para cada tipo de folha, de cada cultivar, foi determinado um fator de forma (FF por meio de análise de regressão entre o produto do comprimento (C pela largura (L e a área das folhas. Avaliou-se a correlação entre a área foliar estimada pelo fator FF e sua medida direta, utilizando-se dados independentes. Testou-se, ainda, um fator único para cada cultivar, independente do estádio da cultura e, também, um fator geral para as duas cultivares. No método que utilizou a massa seca, as folhas foram agrupadas em novas e maduras. Determinou-se o fator de massa seca (FM por meio da análise de regressão entre a massa seca de folhas e respectivas áreas foliares. Em seguida, avaliou-se a correlação entre dados estimados por FM e dados medidos de forma direta, em nova amostra. O método das dimensões é viável para a estimação de área foliar do algodoeiro, por apresentar boa precisão e exatidão, com r² entre 0,71 e 0,98 e com coeficiente angular da regressão entre 0,87 e 0,95. No entanto, pelo método da massa seca, observaram-se precisão e exatidão maiores, com r² entre 0,94 e 0,98, e coeficiente angular da regressão entre 0,97 e 1,00, com a vantagem de ser menos trabalhoso.The objective of this study was to evaluate two different methods to estimate cotton leaf area (LA, based on leaf dimensions (length - L and width - W and leaf dry mass (DM. Two cultivars, IAC 23 and Coodetec 401, were used. For leaf dimensions method, leaves were classified by age: young, heart-shape, and mature. For each age class, a leaf shape factor (LSF was obtained by simple linear regression between L*W and LA. For leaf dry mass method, leaves

  14. Determinação do perfil fitoquímico de extrato com atividade antioxidante da espécie medicinal Cordia verbenacea DC. por HPLC-DAD

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    M.M. Santi

    2014-06-01

    Full Text Available O presente trabalho teve por objetivo investigar a atividade antioxidante dos extratos das folhas de Cordia verbenacea obtido por maceração em etanol e partição em solventes orgânicos. O infuso das folhas também foi investigado. O teor de fenóis totais foi avaliado pelo método de Folin-Ciocalteau e o de flavonoides totais pela formação de complexo com cloreto de alumínio. O extrato etanólico, as subfrações e o infuso foram testados em diversas concentrações para determinar a atividade sequestradora de DPPH expressa em termos de sua CE50. A melhor atividade antioxidante encontrada foi para o extrato em acetato de etila, EA, CE50 15,0 ± 0,5 µg.mL-1. Os ensaios espectrofotométricos revelaram altas concentrações de fenóis e de flavonoides no extrato EA. A análise por HPLC-DAD foi realizada para se obter o perfil de UV-Vis dos picos cromatográficos do extrato EA. As características espectrais foram relacionadas a compostos fenólicos e flavonoídicos.

  15. Determinação dos parâmetros anatômicos, físico-químico e fitoquímicos das folhas de Solanum lycocarpum A. St.- Hill

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    M.E. GALLON

    2015-01-01

    Full Text Available RESUMO A espécie vegetal Solanum lycocarpum, Solanaceae, popularmente conhecida como lobeira, está distribuída por todo o Brasil, principalmente em áreas do cerrado. Estudos comprovam que os frutos possuem diversas atividades e, atualmente, estão sendo utilizados no tratamento da diabetes. As folhas são utilizadas popularmente contra afecções das vias urinárias, cólicas abdominais e renais, espasmos e epilepsia, porém são poucos os estudos científicos que verificam as atividades farmacológicas das folhas. Assim, torna-se necessária a determinação de parâmetros anatômicos, físico-químicos e fitoquímicos que auxiliarão em futuras identificações e controle de qualidade da droga vegetal. Neste estudo foi realizada a coleta, secagem e pulverização das folhas de Solanum lycocarpum para a obtenção da droga vegetal e posterior caracterização desta. As análises microscópicas do pecíolo, nervura central e mesofilo revelaram características típicas da família Solanaceae, observando-se um sistema vascular bicolateral e a presença de areia cristalina e tricomas estrelados. A triagem fitoquímica, constatou a presença de taninos, flavonoides, esteróides e triterpenos, cumarinas e saponinas. Obteve-se o teor médio de 9,90% de perda por dessecação, 7,91% de cinzas totais e de 0,37% de cinzas insolúveis em ácidos. Para as substâncias extraíveis por álcool, o teor médio encontrado foi de 14,479% para o método de extração por Soxhlet e 0,987% para o método de extração a frio. Assim, espera-se que esses dados possam ser utilizados na identificação e controle de qualidade da droga vegetal de Solanum lycocarpum para a produção de novos medicamentos fitoterápicos.

  16. A ordem do discurso jornalístico sobre educação: uma análise das matérias da Folha de S. Paulo de 1996 a 2006 The order of journalistic discourse on education: an analysis of Folha de S. Paulo articles from 1996 to 2006

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Gisela Maria do Val

    2013-03-01

    Full Text Available O presente artigo dá a conhecer os resultados de uma investigação das racionalidades e das tensões ético-políticas expressas nas matérias sobre educação escolar veiculadas pelo jornal Folha de S. Paulo, no período de dezembro de 1996 - a partir da promulgação da LDB em vigor - a novembro de 2006. Por meio de uma análise do material empírico orientada por alguns operadores teórico-metodológicos oferecidos por Michel Foucault foi possível atestar, além da proliferação de matérias sobre a temática educacional, que a imprensa escrita arregimenta, de modo reiterativo e circular, concepções reparatórias ou reformistas das práticas escolares contemporâneas, em consonância com as produções acadêmicas, os saberes dos especialistas e as injunções econômicas e políticas. Ao fazê-lo, o discurso jornalístico consagra-se como um potente recurso de governamentalização das atitudes e dos valores partilhados pela população no tocante à natureza e ao raio de ação do trabalho educativo na atualidade.This paper provides the outcome of an investigation of the rationalities and ethical-political tensions expressed in the articles on school education conveyed by the newspaper Folha de São Paulo, from December 1996 - from the enactment of the Brazilian Law of Guidelines and Bases of National Education in force - to November 2006. Through an analysis of the empirical data headed by some of Michel Foucault's theoretical and methodological operators, it was possible to verify that, besides the proliferation of educational reports on the newspaper, the printed press aggregates, in a repetitive and circular way, reparative or reformist conceptions of contemporary school practices, in line with the academic production, the experts' knowledge, and the economic and political injunctions. In doing so, the journalistic discourse establishes itself as a powerful resource for the governmentalization of the attitudes and values shared by

  17. Essential oil composition of leaf and fine stem of Aniba canelilla (Kunth Mez from Manaus, Brazil Os óleos essenciais das folhas e galhos finos de Aniba canelilla (Kunth Mez coletados em Manaus, B

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria da Paz Lima

    2004-01-01

    Full Text Available The essential oil of the leaves and fine stems of Aniba canelilla (Kunth Mez collected in the city of Manaus, AM, Brazil, were obtained by hydrodistillation and analyzed by GC/MS. Forty-two components were identified, of which 1-nitro-2-phenylethane, as expected, was the major (71.2%-68.2%.Os óleos essenciais das folhas e dos galhos finos de Aniba canelilla (Kunth Mez coletada na cidade de Manaus, AM, Brasil, foram obtidos por hidrodestilação e analisados por CG-EM. Quarenta e dois componentes foram identificados, dos quais 1-nitro-2-feniletano, como esperado, foi o que apresentou maior porcentagem (71,2%-68,2%.

  18. Determinação espectrométrica dos flavonóides das folhas de Maytenus (Celastraceae e de Passiflora (Passifloraceae e comparação com método CLAE-UV

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Regina de A. O. Chabariberi

    Full Text Available Este trabalho apresenta uma modificação dos procedimentos descritos nas Farmacopéias Francesa e Européia para a análise de flavonoides de Passiflora incarnata L., Passifloraceae, por espectrometria UV-Visível e propõe a sua aplicação na determinação dos flavonoides totais das folhas da espinheira-santa (Maytenus aquifolium Mart. e Maytenus ilicifolia (Schrad. Planch., Celastraceae e do maracujá (Passiflora edulis Sims. e Passiflora alata Curtis, Passifloraceae. Os resultados obtidos por espectrometria no UV-Visível foram comparados aos obtidos por cromatografia líquida de alta eficiência (CLAE-UV, encontrando-se resultados estatisticamente similares entre os métodos espectrométrico modificado da Farmacopéia Francesa e CLAE-UV.

  19. Composição química e toxicidade frente Aedes aegypti L. e Artemia salina Leach do óleo essencial das folhas de Myrcia sylvatica (G. Mey. DC.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    C.S. ROSA

    2016-03-01

    Full Text Available RESUMO A dengue está entre as doenças virais de propagação vetorial mais importante no mundo, causando sérios impactos de morbidade e mortalidade. Desta forma, o presente trabalho teve como objetivo analisar a composição química e a toxicidade do óleo essencial de Myrcia sylvatica (G. Mey D.C. frente Aedes aegypti e Artemia salina. Folhas de M. sylvatica foram coletadas no Parque Nacional da Chapada das Mesas, no município de Carolina (MA no mês de fevereiro de 2012. O óleo foi obtido por hidrodestilação e sua composição química foi determinada por cromatografia gasosa acoplada à espectrometria de massa (CG/EM. O bioensaio frente Artemia salina e às larvas de 3° estádio de Aedes aegypti foram realizados em diferentes concentrações. Os dados de mortalidade foram avaliados por regressão linear para determinar os valores de CL50. Obteve-se 0,5% de rendimento, sendo o (E-cariofileno o constituinte majoritário. O óleo essencial apresentou uma CL50 = 79,44 µg/mL frente A. salina, sendo considerado altamente tóxico. No entanto, este óleo não demonstrou efeito sobre as larvas de A. aegypti. Considerando que o teste de Artemia salina tem correlação com atividades biológicas de grande interesse terapêutico como antitumoral, o óleo essencial das folhas de M. sylvatica demonstrou potencial para desenvolvimento de produtos farmacêuticos.

  20. Caracterização anatômica das folhas, frutos e sementes de Sapindus saponaria L. (Sapindaceae Anatomical features of leaves, fruits and seeds of Sapindus saponaria L. (Sapindaceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Kathia Socorro Mathias Mourão

    2001-05-01

    Full Text Available A anatomia das folhas, frutos e sementes de Sapindus saponaria L., espécie utilizada no combate a úlceras e inflamações da pele, foi estudada utilizando-se material fresco e fixado, com a finalidade de subsidiar estudos taxonômicos e farmacobotânicos. Analisaram-se cortes em diferentes planos, obtidos à mão livre ou com micrótomo, em lâminas semipermanentes e permanentes, corados com safrablau. As folhas compostas, apresentam folíolos de ápice acuminado e base assimétrica, glabros na face superior e pubescentes na inferior. Drusas e cristais prismáticos ocorrem no mesofilo dorsiventral. O fruto é esquizocarpo indeiscente com até três mericarpos desenvolvidos. O exocarpo apresenta células isodiamétricas com cutícula espessa e muitas lenticelas. No mesocarpo parenquimático encontram-se cavidades secretoras, idioblastos cristalíferos contendo drusas e cristais prismáticos. O endocarpo é constituído por fibras lignificadas, dispostas em diagonal. As sementes são bitegumentadas, exotestais, e exalbuminosas. Nas folhas e frutos secos e triturados (droga destacam-se: fragmentos das faces adaxial e abaxial da epiderme com tricomas íntegros, do mesofilo parenquimático, do pericarpo e drusas e cristais prismáticosThe anatomical features of leaves, fruits and seeds of Sapindus saponaria L., a species used in the combat of ulcers and skin diseases, are described. Samples from fresh and fixed material are analyzed for taxonomic and pharmacognostical studies. Anatomical description was undertaken by the analysis of semi-permanent and permanent slides made with different sections of leaves and fruits stained with safranin and astra blue. Compound leaves present leaflets with acuminate apex and asymmetric base, glabrate in the adaxial and pubescent in abaxial surface. Druses and prismatic crystals occur in the dorsiventral mesophyll. Fruit is an indehiscent schizocarp, which has up to three developed mericarps. The exocarp is

  1. Constituintes químicos e estudos toxicológicos do óleo essencial extraído das folhas de Citrus limon Burn (Rutaceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    L.M.L. Campelo

    2013-01-01

    Full Text Available A caracterização química do óleo essencial de folhas de Citrus limon (Rutaceae resultou na identificação de mistura de monoterpenos (limoneno, linalol, cis-óxido de limoneno, trans-óxido de limoneno, citronelal, neral, geranial, nerol e acetato de geranil. As estruturas dos compostos do óleo essencial foram identificadas por GC/MS, por comparação com dados da literatura. Os efeitos da administração crônica oral do óleo essencial de folhas de Citrus limon foram investigados sobre parâmetros bioquímicos e hematológicos em camundongos Swiss machos. Os animais (n = 10/grupo foram tratados por via oral diariamente durante 30 dias com óleo essencial de folhas de Citrus limon, nas doses de 50, 100 ou 150 mg kg-1 de massa corporal e os parâmetros bioquímicos e hematológicos avaliados. O tratamento não causou nenhuma morte ou toxicidade nos animais. A administração do óleo essencial não alterou os parâmetros bioquímicos e hematológicos e a massa dos órgãos, exceto por diminuição de 21 e 11% em uréia e ácido úrico, respectivamente, e 9%, nos níveis plasmáticos de aspartato transaminase (AST. Para os parâmetros hematológicos, houve pequenas mudanças nas contagens de neutrófilos, linfócitos, eosinófilos e monócitos, mas estes não foram diferentes dos valores de referência. Além disso, houve diminuição significativa nos triglicerídeos detectado nos animais tratados com dose de 150 mg kg-1 de óleo essencial. Em conclusão, a administração crônica de óleo essencial não induziu nenhum efeito de risco na maioria dos parâmetros bioquímicos e hematológicos estudados em camundongos Swiss machos. No entanto, a diminuição dos níveis de uréia e ácido úrico em doses elevadas, sugere um possível efeito de insuficiência renal e aumento no teor de AST, sugerindo possível sobrecarga hepática que deve ser investigada com mais detalhe.

  2. Avaliação química e da atividade antidiarréica das folhas de Byrsonima cinera DC. (Malpighiaceae Chemical evaluation and antidiarrhoeal activity of leaves of Byrsonima cinera DC. (Malpighiaceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria Eloisa Figueiredo

    2005-03-01

    Full Text Available Folhas e cascas de algumas especies do gênero Byrsonima (Malpighiaceae são empregadas popularmente contra diarréia. Contudo, não existem dados na literatura à respeito de investigacões químicas ou farmacológicas dos extratos de B. cinera. Neste estudo, nós avaliamos a atividade antidiarreica dos extratos metanólico e hidrometanólico das folhas de B. cinera em ratos Swiss. Os resultados mostraram que ambos os extratos reduziram signitivamente a motilidade intestinal. Investigacão fitoquímica do extrato metanólico levou ao isolamento e identificacão da (+-catequina e da quercetina-3-O-a-L-arabinopiranosídeo. A atividade observada pode estar correlacaionada com a presença dessas substâncias nos extratos.Leaves and bark of some Byrsonima species (Malpighiaceae are popularly employed against diarrhoeal diseases. However, no data were reported in the literature about the chemisty and pharmacology of extracts from B. cinera leaves. In the present study we evaluated the anti-diarrhoeal activity of methanolic and hydromethanolic extracts obtained from the leaves of B. cinera in Swiss mice. Results showed that both extracts reduced significantly the gastrintestinal motility. Phytochemical evaluation of the methanolic extract led to the isolation and identification of (+-catechin and quercetin-3-O-a-L-arabinopyranoside. The observed activity may be correlated to the presence of these compounds in the extract.

  3. Avaliação da atividade antimicrobiana das partes aéreas (folhas e caules e raízes de Richardia brasiliensis Gomez (Rubiaceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Adda Daniela Lima Figueiredo

    2009-12-01

    Full Text Available Richardia brasiliensis é uma planta utilizada popularmente como expectorante, emética, diaforética, vermífuga e para o tratamento de hemorróidas. O presente estudo objetivou realizar a prospecção fitoquímica e avaliar a ação antimicrobiana do extrato bruto das partes aéreas e raízes de R. brasiliensis. O extrato etanólico bruto foi obtido a partir do material botânico dessecado e pulverizado. O pó das partes aéreas e raízes foram submetidos à triagem fitoquímica. A atividade antimicrobiana foi realizada contra bactérias Gram-positivas esporuladas e não esporuladas, Gramnegativas e a levedura Candida albicans através da determinação da concentração inibitória mínima por diluição em ágar empregando-se o inoculador de Steers. A triagem fitoquímica evidenciou a presença de esteróides, triterpenóides, cumarinas, resinas, alcalóides e flavonóides. A CIM do extrato das partes aéreas variou de 0,37 a 0,74 mg/mL e das raízes de 0,74 a 11,9 mg/ mL. Concluiu-se que tanto o extrato etanólico bruto das partes aéreas quanto das raízes apresentaram atividade antimicrobiana. Palavras-chave: Atividade antimicrobiana. CIM. Plantas medicinais.

  4. Potencial antioxidante e antimicrobiano de espécies da família Asteraceae Antioxidant and antimicrobial potential of Asteraceae species

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    R.L Fabri

    2011-01-01

    Full Text Available Espécies da família Asteraceae são amplamente utilizadas na medicina popular para diversos fins terapêuticos. Neste contexto, este estudo teve por objetivo averiguar a atividade antimicrobiana e antioxidante in vitro de extratos metanólicos de plantas pertencentes a Asteraceae, a maioria comumente utilizada na medicina tradicional. A prospecção química dos extratos também foi realizada. A atividade antimicrobiana foi avaliada pelo método de susceptibilidade em microdiluição em caldo e a atividade antioxidante determinada pelo ensaio com o radical DPPH. O extrato da folha de Baccharis dracunculifolia apresentou significativa atividade antimicrobiana para Pseudomonas aeruginosa,Bacillus cereus e Cryptococcus neoformans (CIM = 0,005; 0,005 e 0,039 mg mL-1, respectivamente. Os extratos das folhas de Bidens segetum e Matricaria chamomilla foram seletivos para Shigella sonnei e P. aeruginosa (CIM = 0,005 e 0,078 mg mL-1, respectivamente. Já as folhas de Acanthospermun australe e Baccharis trimera apresentaram atividade significativa apenas para Candida albicans (CIM = 0,039 mg mL-1 enquanto as folhas de Taraxacum officinale foram ativos contra ambas leveduras com CIM 0,039 mg mL-1. Em relação à atividade antioxidante, os extratos das folhas de B. dracunculifolia, T. officinale e das inflorescências de B. segetum apresentaram significativa atividade com CI50 de 5, 5 e 4 µg mL-1, respectivamente. A prospecção química dos extratos identificou presença de compostos como flavonoides, terpenos e outros que podem ser responsáveis pelas atividades observadas.Asteraceae species have been largely used in folk medicine for several therapeutic purposes. Thus, the aim of this work was to investigate the in vitro antimicrobial and antioxidant activities of methanol extracts from plants belonging to the Asteraceae family, most of which are commonly used in traditional medicine. Chemical prospecting of extracts was also performed. The

  5. Parâmetros genéticos da resistência ao complexo da queima-das-folhas em populações de cenoura Genetic parameters of the resistance to the leaf blight disease complex in carrot populations

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Giovani O Silva

    2009-09-01

    Full Text Available Os parâmetros genéticos vinculados ao complexo de patógenos causadores da queima-das-folhas de cenoura foram determinados utilizando famílias de meio-irmãos oriundas de populações do grupo varietal 'Brasília'. Ainda, verificou-se quais populações eram capazes de proporcionar maior ganho para este caráter. O experimento foi conduzido em Brasília entre novembro/06 e fevereiro/07. Foram avaliadas cinco populações em fase final de melhoramento (processamento 1 (P1, processamento 2 (P2, mesa 3 (M3, mesa 4 (M4 e mesa 5 (M5, utilizando delineamento em blocos ao acaso com duas repetições (parcelas de 2 m². A avaliação da severidade da queima-das-folhas foi feita aos 90 dias após semeio e os dados foram submetidos à análise de variância para estimar os parâmetros genéticos e o ganho direto esperado com a seleção. O caráter resistência à queima-das-folhas apresentou-se significativo em diferenciar as populações. A população P1 mostrou os maiores valores dos parâmetros genéticos e ganhos esperados com a seleção, ao passo que a população M3 mostrou-se a menos promissora na obtenção de ganhos para níveis mais elevados de resistência. Os valores da relação entre os coeficientes de variação genética e ambiental e de herdabilidade foram baixos. Estes dados podem ser explicados pela ausência de variabilidade genética nas populações, mas também podem indicar a necessidade de um maior refinamento nos processos de avaliação e de inoculação em condições de campo, de forma a garantir o estabelecimento de epidemias mais uniformes da queima-das-folhas nas parcelas experimentais.The genetic parameters associated with resistance to the carrot leaf blight disease complex were evaluated using half-sib families derived from the varietal group 'Brasília'. We also evaluated which populations would provide larger gains for this character. Field assay was carried out in Brasília during the summer season (from

  6. Avaliação da atividade antioxidante e antimicrobiana dos extratos e frações orgânicas de Mimosa caesalpiniifolia Benth. (Mimosaceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marcelo José Dias Silva

    2012-04-01

    Full Text Available A espécie Mimosa caesalpiniifolia Benth. (Mimosaceae, conhecida popularmente como sabiá e cerva viva, é uma planta arbórea encontrada na caatinga nordestina brasileira, amplamente utilizada pela população na forma de infusões para o tratamento de feridas, bronquites e anti-inflamatório. Diante do exposto, os objetivos deste estudo, foram determinar as atividades antioxidantes e antimicrobianas do extrato etanólico das folhas (EHM, caules (EHL, cascas do caule (EHC, raízes (EHR e frações obtidas das folhas de M. caesalpiniifolia Benth. A atividade antioxidante foi avaliada através do método de captação do radical DPPH, enquanto a atividade antimicrobiana foi avaliada pelo método de microdiluição em caldo, sobre leveduras, bactérias Gram-positivas e Gram-negativas. A capacidade antioxidante mostrou que a fração acetato de etila (Fr-EtOAc foi diretamente proporcional ao teor de polifenóis totais com IC50 de 20,08 ± 0,10 µg/ mL e 721,29±0,60 mg de EAG (equivalentes de ácido gálico por g de extrato. Na atividade antimicrobiana, todos os extratos e frações exibiram atividade inibitória de crescimento frente aos micro-organismos microrganismos avaliados e em concentrações variando de 5 a 1000 μg/mL. A Fr-EtOAc apresentou valores promissores de inibição de crescimento frente a fungos, como Candida glabrata (ATCC 90030 e Candida krusei (ATCC 6258, com concentrações de 20 e 40 μg/mL, respectivamente. Estes resultados são importantes, pois são os primeiros a serem realizados com a espécie M. caesalpiniifolia.

  7. Chemical constituents and antioxidant activity from leaves extracts of Terminalia fagifolia Mart. et Zucc; Constituintes quimicos e atividade antioxidante de extratos das folhas de Terminalia fagifolia Mart. et Zucc

    Energy Technology Data Exchange (ETDEWEB)

    Ayres, Mariane Cruz Costa; Chaves, Mariana H. [Universidade Federal do Piaui (UFPI), Teresina, PI (Brazil). Dept. de Quimica], e-mail: mariana@ufpi.br; Rinaldo, Daniel; Vilegas, Wagner; Vieira Junior, Gerardo Magela [Universidade Estadual Paulista Julio de Mesquita Filho (UNESP), Araraquara, SP (Brazil). Inst. de Quimica. Dept. de Quimica Organica

    2009-07-01

    Phytochemical investigation of ethanolic leaves extracts of T. fagifolia led to the isolation of (+)-catechin, sitosterol-3-O-{beta}-D-glucopyranoside, {alpha} and {beta} tocopherol, a mixture of lupeol, {alpha} and {beta}-amyrin, sitosterol and a mixture of glucoside flavonoids (CP-13). The structures of these compounds were identified by {sup 1}H and {sup 13}C NMR spectral analysis and comparison with literature data. Absolute configuration of the catechin was determinate by circular dichroism. Antioxidant activity (EC{sub 50}), evaluated by 2,2-diphenyl-1-picrylhidrazyl (DPPH) assay system, decreased in the order: (+)-catechin > hydroalcoholic fraction > CP-13 > aqueous fraction > EtOH extract. (author)

  8. Soja: queima das folhas como critério de seleção para resistência à acidez do solo Leaf scorching as a criteria to select soybean for resistance to soil acidity

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Manoel Albino Coelho de Miranda

    1988-01-01

    Full Text Available Com o objetivo de testar critérios para a seleção de progênies resistentes à acidez do solo, conduziu-se um ensaio no Centro Experimental de Campinas (CEC, no período de novembro de 1980 a fevereiro de 1981, em delineamento "latice" simples 5 x 5, duplicado, constituído por 25 diferentes genótipos de soja, em solo glei húmico (hidromórfico orgânico friável com teores elevados de alumínio, fósforo e potássio. Aos sessenta dias da semeadura, tomaram-se as medidas - peso de matéria seca, altura de planta, comprimento de raiz pivotante, nota de queima das folhas e de coloração de raiz. As parcelas eram constituídas de linhas de 2m, espaçadas de 0,60m, e o plantio, realizado em novembro, com a finalidade de obter o máximo crescimento vegetativo. Os resultados permitiram demonstrar a validade do delineamento utilizado para assegurar maior controle local. Houve significância para todos os parâmetros estudados. Os cultivares IAC-9 Biloxi, IAC-Santa Maria 702 e IAC-2 e a introdução PI 274.454 foram os que mais se destacaram em relação ao peso da matéria seca, altura de planta e nota de queima das folhas, e os que apresentaram os melhores índices e menores teores de alumínio e manganês na parte aérea. As notas de coloração de raiz e comprimento da raiz pivotante, apesar das diferenças, não discriminaram os tratamentos de maneira tão clara como os parâmetros anteriores. Dada a correlação alta e significativa entre o peso de matéria seca e a nota de queima das folhas, sugere-se a utilização desse critério no melhoramento genético de soja para resistência à acidez do solo, ressaltando a importância do método aplicado em condições naturais e que leva em consideração também o processo simbiótico de fixação de nitrogênio.An experiment was carried out in an acid hydromorphic soil (Gley humic at Campinas, State of São Paulo, Brazil, in the period November 1980-February 1981, testing 25 cultivars in a

  9. EFEITO DO PROCESSAMENTO NA ATIVIDADE ANTIOXIDANTE DE UVA

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    M. I. S. VEDANA

    2009-01-01

    Full Text Available

    As vitaminas C, E e os flavonóides são consideradas excelentes antioxidantes, capazes de seqüestrar os radicais livres com grande eficiência. Vários são os métodos para testar a atividade antioxidante, podendo ser usados para compostos isolados e extratos. Diversos estudos têm demonstrado que a uva é fonte natural de antioxidantes e rica em compostos fenólicos, mas muito pouco estudada quanto ao efeito do seu processamento nesses compostos. O objetivo desse trabalho foi a determinação e comparação da capacidade antioxidante (radicais ABTS e DPPH de extratos elaborados a partir de uva da cultivar Isabel e de dois produtos dessa fruta: o suco e a geléia, assim como correlacionar com a quantidade de fenólicos totais e de antocianinas totais. Apesar das diferenças entre os métodos DPPH e ABTS, foi possível obter conclusões semelhantes quanto à atividade antioxidante das amostras testadas. O tratamento térmico favoreceu a extração dos compostos fenólicos e conseqüentemente o aumento da atividade antioxidante, mas provocou uma diminuição no teor de antocianinas totais nos produtos elaborados a partir da uva.

  10. Atividade inibitória das folhas e caule de Kalanchoe brasiliensis Cambess frente a microrganismos com diferentes perfis de resistência a antibióticos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Jackeline G. da Silva

    Full Text Available A avaliação antimicrobiana das partes aéreas de Kalanchoe brasiliensis Cambess, Crassulaceae, a qual é comumente utilizada para o tratamento de inflamações da mucosa oral, bronquites e congestão nasal, é relatada. Esta atividade foi avaliada em discos de Petri usando o método de difusão para a determinação da Concentração Inibitória Mínima (MIC e cinética bactericida. Foram usadas amostras bacterianas gram-positivas, gram-negativas e cepas de fungos leveduriformes do gênero Cândida. Apenas o óleo essencial demonstrou ser efetivo, apresentando atividade frente amostras gram-positivas de Staphylococcus aureus (MRSA meticilina resistente. A ação observada foi considerada bacteriostática por reduzir um log10 UFC/mL a partir da sexta hora de exposição da amostra ao óleo essencial nas concentrações de 4% e 8%. Compostos fenólicos estão presentes em óleo essencial, sugerindo que o efeito foi devido à presença dos mesmos. Por este motivo à planta Kalanchoe brasiliensis Cambess pode representar uma alternativa terapêutica para infecções provocadas por Staphylococcus aureus.

  11. Estudio de los componentes antioxidantes y actividad antioxidante en tomates

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luz M. Zapata

    2007-01-01

    Full Text Available El objetivo de este estudio fue investigar la concentración de los componentes antioxidantes presentes en el tomate y la actividad antioxidante total durante su crecimiento, almacenamiento, maduración y comercialización. Los antioxidantes analizados fueron: licopeno, β-caroteno, ácido L-ascórbico y fenoles totales. La actividad antioxidante se midió utilizando los métodos: "Ferric reducing/antioxidant power" (FRAP y decoloración del β-caroteno. Los antioxidantes ácido L-ascórbico, licopeno y β-caroteno fueron 2,6 veces mayor en la comercialización respecto de los valores iniciales, mientras que la actividad antioxidante en la última etapa fue 2,1 y 3,5 veces más alta que en el crecimiento para los métodos FRAP y decoloración de b-caroteno, respectivamente. En consecuencia, el consumidor dispone de un fruto rico en antioxidantes, lo que le atribuye la capacidad de captación de los radicales libres presentes en nuestro cuerpo que podrían disminuir los riesgos que contraer enfermedades crónicas.

  12. Atividade antimicrobiana e sinérgica das frações das folhas de Schinopsis brasiliensis Engl. frente a clones multirresistentes de Staphylococcus aureus Antimicrobial and synergic activity of fractions from the leaves of Schinopsis brasiliensis Engl. against Staphylococcus aureus multiresistant clones

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    A.M. Saraiva

    2013-01-01

    Full Text Available No presente estudo objetivou-se avaliar a atividade antimicrobiana e sinérgica de 4 frações das folhas de Schinopsis brasiliensis Engl (F1', F2', F1" e F2" frente às cepas Staphylococcus aureus MRSA multirresistentes. Os métodos utilizados foram poços de difusão em ágar, concentração mínima inibitória (CMI - diluição em ágar, e bioautografia. Nos resultados bioautográficos observou-se três halos de inibição relacionados, no mínimo, à quatro constituintes ativos; sendo dois deles isolados das folhas (galato de metila e ácido gálico. A F2" (200∝g/mL apresentou halos de inibição de 16 e 19mm frente as cepas de S. aureus multirresistente e Klebsiella pneumoniae, e CMI 100∝g/mL, respectivamente. Quanto as análises das associações das frações F1" ou F2" (25 e 50∝g/mL com a tetraciclina e oxacilina, mostraram ações aditiva e sinérgica para a F2" (50∝g/mL, embora não suficiente para que a CMI atingisse valores inferiores a 2 e 4∝g/mL, necessário para serem classificadas como cepas sensíveis a oxacilina e tetraciclina, respectivamente. "Assim, conclui-se que a F2" das folhas de S. brasiliensis apresentou potencial antimicrobiano frente às cepas de S. aureus MRSA multirresistentes e que as associações das frações com os antibióticos testados não apresentaram benefícios não justificando o uso concomitante.The aim of this study was to evaluate the antimicrobial and synergic activity of 4 leaf fractions of Schinopsis brasiliensis Engl (F1', F2', F1" and F2" against multidrug-resistant Staphylococcus aureus strains. The used methods were agar well diffusion, minimum inhibitory concentration (MIC - agar dilution, and bioautography. The bioautographic results showed three inhibition zones that corresponded to at least four active compounds, two of which (methyl gallate and gallic acid have already been isolated from leaves. The F2" (200∝g/mL fraction showed inhibition zones of 16 mm and 19 mm against S

  13. Anatomia comparada das folhas e raízes de Cymbidium Hort. (Orchidaceae cultivadas ex vitro e in vitro Comparative leaf and root anatomy of ex vitro and in vitro cultured Cymbidium Hort. plants

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Juliana Lischka Sampaio Mayer

    2008-06-01

    Full Text Available Na fase de cultivo in vitro, as plantas são mantidas em ambiente com alta umidade relativa do ar, baixa luminosidade e trocas gasosas restritas, o que resulta em taxa de transpiração reduzida. Portanto, quando essas mudas são expostas ao meio ex vitro, sofrem estresse que pode causar a morte. O objetivo desse trabalho foi comparar a estrutura anatômica das mudas de Cymbidium 'Joy Polis' cultivadas ex vitro (planta matriz e aclimatizada e in vitro e verificar se a estrutura anatômica das plantas in vitro influencia no processo de aclimatização. As plantas ex vitro foram mantidas em casa-de-vegetação, em vasos individuais com o substrato fibra de coco em pó combinada com fibra de coco, e as plantas in vitro foram mantidas em meio de cultura MS. Para a análise anatômica qualitativa foram coletadas amostras de folhas e raízes de plantas ex vitro e in vitro. As plantas aclimatizadas apresentaram estrutura morfoanatômica semelhante à da planta matriz. A estrutura anatômica das plantas in vitro não influenciou a sobrevivência das mudas durante a aclimatização devido à plasticidade fenotipica desse cultivar. As plantas de Cymbidium 'Joy Polis' possuem grande capacidade de aclimatização ao ambiente, sendo provavelmente este um dos fatores responsáveis pela sobrevivência de 100% das mudas.During in vitro culture plants are kept in an atmosphere with high relative humidity, low light intensity and reduced gas exchange, resulting in low transpiration rates. Therefore, when these plants are exposed to ex vitro conditions, they suffer stress, which can induce mortality. The purpose of this study was to compare the anatomical structure of Cymbidium 'Joy Polis' plants from ex vitro (mother plant and acclimatized plants and in vitro cultures and to verify if the anatomical structure of in vitro cultured plants affects acclimatization. The ex vitro plants were kept in a greenhouse in pots containing a mixture of coconut-fiber powder and

  14. Análise tecidual e celular das brânquias de Oreochromis niloticus L. tratadas com extrato etanólico bruto e frações das folhas da pitanga (Eugenia uniflora L. - Myrtaceae Tissue and cell analysis of Oreochromis niloticus L. gill treated with crude ethanol extract and fractions from pitanga (Eugenia uniflora L. leaves Myrtaceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    T.S. Fiuza

    2011-01-01

    Full Text Available Eugenia uniflora L. (Myrtaceae é uma planta que ocorre no bioma Cerrado e é utilizada popularmente no tratamento de diarréias, inflamações, hiperglicemia e hipertensão. Estudos prévios revelaram atividade antimicrobiana da E. uniflora in vitro. Tendo em vista o uso popular, este trabalho objetivou avaliar as possíveis atividades celulares e teciduais sistêmicas do extrato bruto e das frações das folhas dessa planta em brânquias de Oreochromis niloticus L. (tilápia nilótica. Para isso, o extrato etanólico e as frações das folhas dessa planta foram administrados no peixe, por via oral, adicionadas à ração. Após um período de 24 horas, os peixes foram sacrificados e o segundo arco branquial de cada peixe foi dissecado, fixado em formalina neutra, desidratado, incluído em parafina e cortado. Nas análises histológicas, utilizaram-se tricômico de Masson e hematoxilina e eosina (HE. Pelas análises qualitativas na microscopia de luz, concluiu-se que o extrato etanólico bruto e as frações das folhas da E. uniflora apresentaram efeito sistêmico nas tilápias nilóticas atingindo as brânquias. As ações tóxicas como destacamento e descamação do epitélio respiratório e hiperplasia das células do epitélio interlamelar, foram mais pronunciadas nas tilápias que ingeriram maiores concentrações. Este trabalho colaborou para identificar o efeito vasodilatador dessa planta, e contribuiu para estabelecer a tilápia nilótica como sistema-modelo para testes com princípios ativos de plantas. Espera-se, com esses testes, viabilizar o uso de plantas como medicamentos para tratamentos de peixes, a manutenção da saúde de animais em cultivo intensivo e extensivo, a partir do qual se possibilite emprego alternativo aos medicamentos sintéticos.Eugenia uniflora L. (Myrtaceae is a plant found in the Cerrado biome and traditionally used in the treatment of diarrheas, inflammations, hyperglycemia and hypertension. Previous studies

  15. Ação antioxidante de chás e condimentos de grande consumo no Brasil

    OpenAIRE

    Morais,Selene M. de; Cavalcanti,Eveline S. B.; Costa,Sônia Maria O.; Aguiar,Liza A.

    2009-01-01

    Antioxidantes são compostos que atuam inibindo e/ou diminuindo os efeitos desencadeados pelos radicais livres e compostos oxidantes. Os chás são bebidas populares e fontes significativas de compostos fenólicos, sendo considerados importantes integrantes das dietas devido às suas propriedades antioxidantes. O presente trabalho teve como objetivo avaliar a ação antioxidante de uma variedade de chás e condimentos mais consumidos no Brasil. Os chás analisados foram das plantas: Pneumus boldus Mol...

  16. Cytotoxic evaluation of essential oil from Zanthoxylum rhoifolium Lam. leaves Avaliação citotóxica do óleo volátil extraído das folhas do Zanthoxylum rhoifolium Lam.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Saulo Luis da Silva

    2007-06-01

    Full Text Available Zanthoxylum rhoifolium Lam is a plant popularly used as antimicrobial, for malaria and inflammatory treatment. The essential oil of Z. rhoifolium was extracted and its cytotoxic effects against HeLa (human cervical carcinoma, A-549 (human lung carcinoma, HT-29 (human colon adenocarcinoma, Vero (monkey kidney cell lines and mice macrophages were evaluated. Some of the terpenes of its essential oil (ß-caryophyllene, alpha-humulene, alpha -pinene, myrcene and linalool were also tested to verify their possible influence in the oil cytotoxic activity. The results obtained permitted to confirm that the essential oil is cytotoxic against tumoral cells (CD50 = 82.3, 90.7 and 113.6 µg/ml for A-549, HeLa e HT-29 cell lines, respectively, while it did not show cytotoxicity against non-tumoral cells (Vero and mice macrophages. Thus, the essential oil from Z. rhoifolium leaves seems to present a possible therapeuthic role due to its selective cytotoxic activity against tumoral cell lines.O Zanthoxylum rhoifolium Lam. é uma planta popularmente utilizada como antimicrobianos, no tratamento da malária e de inflamações. O óleo volátil do Z. rhoifolium foi extraído e posteriormente foi avaliada a sua citotoxicidade contra células HeLa (carcinoma cervical humano, A-549 (carcinoma de pulmão humano, HT-29 (adenocarcinoma de cólon humano, Vero (rim de macaco e macrófagos de camundongos. Alguns terpenos constituintes do óleo volátil (beta-cariofileno, alfa -humuleno, alfa -pineno, mirceno e linalool também foram testados para verificar as possíveis influências sobre a citotoxicidade do óleo. Os resultados obtidos permitiram verificar que o óleo volátil é citotóxico contra células as tumorais (CD50 = 82.3, 90.7 e 113.6 µg/ml para A-549, HeLa e HT-29 cell lines, respectivamente, mas não apresenta citotoxicidade contra as células não tumorais (Vero e macrófagos de camundongos. Desta forma o óleo volátil das folhas do Z. rhoifolium demonstra

  17. Efeito analgésico e anti-inflamatório do extrato aquoso das folhas de trevo-roxo (Scutellaria agrestis A. St.-Hil. ex Benth. - Lamiaceae em roedores

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    A.B. Oliveira

    2014-06-01

    Full Text Available Scutellaria agrestis é utilizada por comunidades ribeirinhas do Amazonas principalmente para o tratamento de otites por via tópica utilizando-se o extrato bruto obtido por maceração. O presente trabalho visou investigar preliminarmente o perfil fitoquímico, a segurança toxicológica e as ações analgésica, anti-inflamatória e antiedematogência do extrato aquoso das folhas de S. agrestis. Foram coletados 80 indivíduos da espécie no horto medicinal da Universidade Nilton Lins, Manaus, Brasil. O perfil fitoquímico foi obtido por meio de prospecção da droga vegetal para heterosídeos cianogênicos, terpenos, compostos fenólicos e alcaloides. A toxicologia foi avaliada pelo teste de toxicidade aguda. As atividades analgésicas/ anti-inflamatórias foram analisadas por meio dos testes de formalina em camundongos e a atividade antiedematogência, pelo teste de edema de pata em ratos. Os metabólitos detectados foram fenóis (taninos hidrolisáveis, cumarinas e várias classes de flavonoides e terpenos (esteroides livres, saponinas. Não foi possível estabelecer DL50, haja visto que o extrato não provocou a morte de nenhum animal durante o teste de toxicidade aguda, provavelmente devido à ausência de heterosídeos cianogênicos na sua composição. Apesar de não provocar morte, considerou-se que o extrato apresenta uma discreta toxicidade, uma vez que foi observada a ocorrência de espasmos na primeira hora de observação dos animais. O extrato apresentou ainda efeito analgésico e anti-inflamatório significativo nas doses de 30, 100 e 300 mg/kg pelo teste da formalina, sendo o resultado na maior dose equivalente ao obtido com a droga padrão (fentanil. No entanto, não observamos efeito antiedematogênico nas doses testadas durante as 5 horas de registro do edema de pata. Os resultados obtidos nesta pesquisa conferem base científica preliminar quanto à segurança e ao efeito analgésico e antiinflamatório da droga vegetal, o

  18. Distribuição da matéria seca e composição química das raízes, caule e folhas de goiabeira submetida a estresse salino Dry matter partitioning and mineral composition of roots, stems and leaves of guava grown under salt stress conditions

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Raimundo Gonçalves Ferreira

    2001-01-01

    Full Text Available Um experimento em casa de vegetação foi conduzido com o objetivo de estudar a resposta de plantas de goiabeira (Psidium guajavaL. a diferentes concentrações de NaCl. As plantas foram cultivadas em solução nutritiva, com 0, 25, 50, 75, 100, 125 e 150 mM de NaCl, e colhidas com 30 e 50 dias após estresse, num delineamento inteiramente casualizado. Foram determinadas: matéria seca das raízes e parte aérea; e porcentagens de Na, Cl, K, Ca e Mg nas raízes, caule e folhas. O estresse salino reduziu a matéria seca total, e a relação parte aérea/raiz foi reduzida. O estresse causou um aumento nos níveis dos íons Na+ e Cl-, com maior acúmulo nas folhas, seguido das raízes. Os teores de Ca foram estáveis nas raízes, mas decresceram no caule e folhas. Os teores de K foram reduzidos, particularmente nas folhas. Ao contrário, os teores de Mg não foram afetados pela salinidade no caule e nas raízes, havendo, entretanto, redução nas folhas. O teor de Na apresentou relação direta com o de Cl e inversa com o de K nas raízes e folhas. O teor de Ca não variou com o de Na nas folhas, mas apresentou uma relação inversa nas raízes. O teor de Mg não variou com o de Na nas raízes e folhas.A greenhouse experiment was conducted with the objective of studying the response of guava plants (Psidium guajavaL. to increasing levels of NaCl concentrations. Plants were grown in nutrient solutions, with 0, 25, 50, 75, 100, 125 and 150mM of NaCl, and harvested 30 and 50 days after saline stress in a complete randomized design. The following traits were studied: shoot, root and total plant dry matter and the percentage of Na, Cl, K, Ca and Mg in plant dry matter. Dry matter yield decreased when salinity increased. The root/shoot ratio decreased with the saline treatment. Salinity stress caused an increase in the levels of Na+ and Cl-. The highest ion accumulation was found in the leaves followed by the roots. The Ca levels were stable in the roots

  19. Avaliação do potencial antioxidante frente à oxidação lipídica e da toxicidade preliminar do extrato e frações obtidas das frondes de Dicksonia sellowiana (Presl.) Hook

    OpenAIRE

    OLIVEIRA,V. B.; ZUCHETTO,M.; PAULA,C. S.; VERDAM,M. C. S.; CAMPOS,R.; DUARTE,A. F. S.; MIGUEL,M. D.; MIGUEL,O. G.

    2015-01-01

    RESUMOA espécie Dicksonia sellowiana, conhecida popularmente como xaxim, é uma samambaia natural do continente americano e encontrada no Brasil na Mata Atlântica. Em 2001 foi inserida na lista do IBAMA como espécie ameaçada de extinção em decorrência da exploração para a confecção de vasos para a jardinagem. O presente trabalho descreve o potencial antioxidante lipídico (TBARS e Sistema β-caroteno/ácido linoleico) do extrato bruto e frações obtidos através de aparato de Soxhlet de fronde...

  20. ATIVIDADE ANTIOXIDANTE E ANTIFÚNGICA DE EXTRATOS VEGETAIS

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    M. S. OLIVEIRA

    2008-11-01

    Full Text Available

    A proposta desta investigação foi medir os conteúdos fenólicos totais, avaliar a atividade antioxidante, e a atividade antifúngica de extratos de laranja, limão, maçã, banana, batata, berinjela, arroz e trigo. Os conteúdos de fenóis totais dos extratos foram quantifi cados por método espectrofotométrico, utilizando o reagente folin-ciocalteau e testados quanto a atividade antioxidante em um sistema enzimático na redução da atividade da peroxidase. Foi avaliada a atividade antifúngica sobre o fungo Aspergillus flavus, sendo sua produção de afl atoxina B1 avaliada em placas de petri com BDA. os valores de velocidade máxima das reações enzimáticas indicaram que os extratos vegetais estudados promoveram inibições de 22% a 98% na reação de escurecimento enzimático em 10 minutos. O comportamento das velocidades das reações de escurecimento em diferentes concentrações de substrato sugere que as reações de inibição são do tipo não competitiva, exceto para os extratos das cascas de banana, berinjela e polpa de maçã. Os extratos das polpas de limão, laranja e banana e das cascas de maçã apresentaram atividade antioxidante maior que a atividade antifúngica sobre Aspergillus flavus. Todos os extratos vegetais, excetuando-se a polpa da batata, inibiram totalmente a produção de afl atoxinas.

  1. Avaliação das atividades hipoglicemiante e anti-hiperglicemiante do extrato hidroalcóolico das folhas da Averrhoa carambola L. (Oxalidaceae em modelos experimentais de hiperglicemia Evaluation of hypoglycemic and antihyperglycemic activities in hydroethanolic extract of Averrhoa carambola L. (Oxalidaceae in experimental models of hyperglycemia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ciomar Aparecida Bersani-Amado

    2005-03-01

    Full Text Available As atividades hipoglicemiante e anti-hiperglicemiante do extrato hidroalcóolico obtido das folhas da Averrhoa carambola L. (Oxalidaceae foram avaliadas em ratos, utilizando-se diferentes modelos experimentais de hiperglicemia: diabetes tipo 1 induzido por aloxana, intolerância à glicose e resistência aguda à insulina induzidas pela dexametasona e resistência crônica à insulina em modelo de obesidade induzida pelo monoglutamato de sódio. O extrato hidroalcóolico da Averrhoa carambola, na dose de 800 mg/Kg de peso corporal, não apresentou atividades hipoglicemiantes e anti-hiperglicemiantes nos modelos de hiperglicemia testadosThe hypoglycemic and antihyperglycemic activities of a hydroethanolic extract prepared from the leaves of Averrhoa carambola L. (Oxalidaceae was evaluated in rats, through the experimental models of hyperglycemia: type 1 alloxan-induced diabetes, glucose intolerance and insulin resistance induced by dexamethasone and the chronic insulin resistance in obesity model induced by sodium monoglutamate. The hydroethanolic Averrhoa carambola extract at a dosage of 800 mg/Kg body weight did not exhibit hypoglycemic and antihyperglycemic activities in the hyperglycemic experimental models tested

  2. Chemical composition and acaricidal activity of the leaf and fruit essential oils of Protium heptaphyllum (Aubl. Marchand (Burseraceae Composição química e atividade acaricida do óleo essencial das folhas e frutos de Protium heptaphyllum (Aubl. Marchand (Burseraceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Wendel José Teles Pontes

    2007-01-01

    Full Text Available Essential oils from leaves and fruits of Protiumheptaphyllum collected in Tamandaré beach Pernambuco/Brazil were analysed by GC/MS and tested for toxicity and repellent effect against the two spotted spider mite (Tetranychus urticae. The major constituent identified in the fruits was alpha-terpinene (47.6 % whereas oil from leaf contained mainly sesquiterpenes such as 9-epi-caryophyllene (21.4 %, trans-isolongifolanone (10.7 % and 14-hydroxi-9-epi-caryophyllene (16.7 %. The fruit oil was found to be more effective against the mite when compared to the leaf oil. Both showed mortality properties and oviposition deterrence in higher concentration (10 µl.l-1 air, but only the essential oil from fruits induced repellence on T. urticae.O óleo essencial das folhas e frutos de Protiumheptaphyllum coletada em Tamandaré-Pernambuco foi analisado por CG/EM e testado sua toxicidade e efeito repelente contra ácaro rajado (Tetranychus urticae. O constituinte majoritário identificado nos frutos foi alfa-terpineno (47,6 % enquanto que nas folhas foram os sesquiterpenos 9-epi-cariofileno (21,4 %, trans-isolongifolanona (10,7 % and 14-hidroxi-9-epi-cariofileno (16,7 %. O óleo dos frutos foi mais eficiente contra o ácaro, comparado com o óleo das folhas. Ambos os óleos revelaram propriedades de mortalidade e deterrência de oviposição na maior concentração (10 µl.l-1 air e apenas o óleo essencial dos frutos induziu repelência no T. urticae.

  3. Estudo da Atividade Antimicrobiana das Folhas de Jatrophacurcas L. frente ao Staphylococcus aureus e Escherichia coli/ Study of Antimicrobial Activity of Leave of Jatropha curcas L. against Staphylococcus aureus and Escherichia coli

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Amanda Venturini Arantes

    2013-06-01

    Full Text Available Objetivos: O presente estudo investigou a atividade antimicrobiana do extrato obtido das folhas de Jatropha curcas L., frente às bactérias Staphylococcus aureus e Escherichia coli isoladas de pacientes de um Hospital Escola do sul de Minas Gerais. Metodologia: Foi realizado o teste da Microdiluição em placas de 96 poços. Colocou-se 50µl de Ágar Mueller Hinton em todos os poços, seguidos de 50µl do extrato da planta em diferentes concentrações (25 a 200 mg/mL nas colunas apropriadas e em seguida, 10µl de cada cepa bacteriana na concentração de 0,5 de McFarland em solução salina estéril. Seguiu-se a incubação em estufa de 35ºC por 24h. Posteriormente, realizou-se a revelação pela adição de 20 µL de Cloreto de Trifenil Tetrezólico e análise dos resultados pela coloração. Em cada placa foi realizado um controle positivo e negativo. Resultados: Houve efeito inibitório do crescimento microbiano de S. aureus e E. coli perante extratos de Jatropha Curcas L. nas concentrações de 50mg a 200mg. Apenas na concentração de 25mg não houve efeito inibitório diante de E. coli e S. aureus. Conclusão: O extrato bruto de Jatropha curcas L. apresentou atividade inibitória do crescimento de colônias de Staphylococcus aureus e Escherichia coli isoladas de pacientes de um hospital escola do sul de Minas Gerais, nas concentrações 50, 75, 100, 125, 150, 175 e 200mg/ml. Objectives: This study investigated the antimicrobial activity of the extract obtained from the leaves of Jatropha curcas L., on the bacteria Staphylococcus aureus and Escherichia coli isolated from patients at a university hospital in southern Minas Gerais. Methodology: The microdilution test was made in plates of 96 wells. An amount of 50mL of Mueller Hinton agar was placed into each well, followed by 50mL of plant extract in different concentrations (25-200 mg / ml in the appropriate columns, and then 10ml of each bacterial strain at a concentration of 0.5 Mc

  4. Soil amendment with chopped or ground dry leaves of six species of plants for the control of Meloidogyne javanica in tomato under greenhouse conditions Incorporação ao solo de folhas secas picadas ou moídas de seis espécies de plantas para o controle de Meloidogyne javanica em tomateiro em casa de vegetação

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Everaldo Antônio Lopes

    2011-06-01

    Full Text Available Greenhouse experiments were conducted to evaluate the effect of soil amendment with chopped (1cm² or ground (1mm sieve dry leaves of assa-peixe (Vernonia polyanthes, lemon-grass (Cymbopogon citratus, eucalyptus (Eucalyptus citriodora, castor (Ricinus communis, mango (Mangifera indica or neem (Azadirachta indica for the control Meloidogyne javanica. Into the soil (Yellow red oxisol of each pot were added leaves (5g kg-1 of soil and 5,000 eggs of the nematode. After seven days, one tomato seedling "Santa Cruz Kada" was transplanted to each pot. The tomato root weight, galls and eggs/root system were determined 60 days after transplant. None of the soil amendments reduced gall or eggs, when applied as leaf pieces. However, all tested plant species reduced the gall number, when they were incorporated into the soil as powder, and maximum nematode suppression occurred in soil amended with neem leaves (61%. The amendment with ground leaves of castor, neem, eucalyptus and lemon-grass reduced the number of eggs, with maximum reduction occurring in soil amended with ground castor leaves (69%, evidencing that these organic amendments can be an alternative for M. javanica control in tomato. Further studies are required under field conditions to confirm the potential of these organic amendments on the control of M. javanica.Experimentos em casa de vegetação foram conduzidos com o objetivo de avaliar o efeito da adição ao solo de folhas secas picadas (1cm² ou trituradas (peneira de 1mm de assa-peixe (Vernonia polyanthes, capim-limão (Cymbopogon citratus, eucalipto (Eucalyptus citriodora, mamona (Ricinus communis, manga (Mangifera indica ou nim (Azadirachta indica para o controle de Meloidogyne javanica. Ao solo de cada vaso (latossolo vermelho-amarelo, foram adicionadas folhas (5g kg-1 de solo e 5.000 ovos do nematoide. Após sete dias, uma muda de tomateiro "Santa Cruz Kada" foi transplantada em cada vaso. O peso das raízes e os números de galhas e

  5. Avaliação do potencial antioxidante frente à oxidação lipídica e da toxicidade preliminar do extrato e frações obtidas das frondes de Dicksonia sellowiana (Presl. Hook

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    V. B. OLIVEIRA

    2015-12-01

    Full Text Available RESUMOA espécie Dicksonia sellowiana, conhecida popularmente como xaxim, é uma samambaia natural do continente americano e encontrada no Brasil na Mata Atlântica. Em 2001 foi inserida na lista do IBAMA como espécie ameaçada de extinção em decorrência da exploração para a confecção de vasos para a jardinagem. O presente trabalho descreve o potencial antioxidante lipídico (TBARS e Sistema β-caroteno/ácido linoleico do extrato bruto e frações obtidos através de aparato de Soxhlet de frondes de Dicksonia sellowiana, além da atividade citotóxica e hemolítica in vitro. Pelo método TBARS, todas as amostras testadas apresentaram atividade, destacando a fração acetato de etila e extrato bruto cuja atividade foi comparável ao padrão ácido ascórbico. No sistema β-caroteno/ácido linoleico, a fração acetato de etila e extrato bruto apresentaram inibição da oxidação do ácido linoleico, destaque para a fração acetato de etila que não se diferenciou estatisticamente do padrão BHT. Na avaliação da toxicidade preliminar, não fora observado atividade citotóxica e hemolítica do extrato bruto e frações nos modelos testados. Os resultados demonstram o potencial antioxidante da espécie vegetal nos modelos de inibição da oxidação lipídica sem apresentar toxicidade.

  6. Study of preparations of bee pollen extracts, antioxidant and antibacterial activity Estudo das preparações de extratos de pólen apícola, atividade antioxidante e antibacteriana

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Solange Teresinha Carpes

    2007-12-01

    Full Text Available The aim of this study was to determine the antioxidant activity, phenolic content and antibacterial activity of pollen extracts obtained with different concentrations of ethanol. Each extraction condition (ethanol solutions from 40 to 90% had a different effect in the phenolic compounds content. Although, the pollen extract obtained at 60, 70 and 80% of ethanol showed relatively higher levels of phenolic compounds (>10 mg/g and did not present statistical significant difference between the extraction conditions. The amount of total phenolics ranged from 3.6 to 8.1 and 6.6 to 10.9 mg GAE/g for Alagoas state and Parana state pollen, respectively. The higher value for antioxidant activity index was 83.30% for the pollen from Alagoas state and 81.15 % for Parana state pollen. The highest degree of antioxidant activity was found in the extraction at 60% of ethanol solution for Parana state pollen, which also showed the highest concentration of polyphenol compounds. Staphylococcus aureus was inhibited by the ethanolic extract of Alagoas state pollen in all the concentrations of solvent, except the ethanolic extract of pollen at 90%. The extract at 60% of ethanol solution (Parana sample inhibited Bacillus subtilis, Pseudomonas aeruginosa and Klebsiella sp.Objetivou-se, neste estudo determinar compostos fenólicos, a atividade antioxidante a antibacteriana dos extratos etanólicos de pólen, obtidos com diferentes concentrações de etanol. As diferentes condições de extração (etanol de 40 a 90% apresentaram diferentes efeitos no conteúdo dos compostos fenólicos extraídos. Os extratos de pólen obtidos com etanol a 60, 70 e 80% apresentaram maiores níveis de compostos fenólicos (>10 mg/g e não apresentaram diferenças estatísticas entre essas condições de extração. A quantidade de compostos fenólicos nos extratos de pólen variou de 3.6 a 8.1 e 6.6 a 11 mg de equivalente em ácido gálico por g de pólen (GAE, para os estados de Alagoas

  7. Potencial dos biflavonóides de Araucaria angustifolia (Bert.) O. Kuntze como antioxidantes e fotoprotetores

    OpenAIRE

    Lydia Fumiko Yamaguchi

    2004-01-01

    A Araucaria angustifolia é uma conífera endêmica das regiões sul e sudeste do Brasil sendo considerada uma espécie em extinção devido ao extenso extrativismo madeireiro. Atualmente, existem inúmeros projetos visando o reflorestamento e o uso sustentável deste pinheiro. Em vista destes pontos, o estudo das propriedades dos componentes das folhas com o intuito da utilização destes com fins comerciais tornou-se de extrema importância. As suas folhas foram submetidas à extração com solventes e fo...

  8. Efeitos da adubação NPK nos teores de macronutrientes das folhas de cana-de-açúcar (cana-soca Leaf macronutrient affected by NPK fertilization in sugar cane ratoon crops

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ademar Espironelo

    1986-01-01

    Full Text Available Foram utilizados oito ensaios de adubação NPK, em cana-soca do cultivar CB41-76, conduzidos em diversos solos do Estado de São Paulo, sendo quatro em Latossolo Roxo, um em Latossolo Vermelho-Amarelo textura argilosa, um em Latossolo Vermelho-Amarelo textura média, um em solos Podzolizados de Lins e Marília variação Manilha e outro em variação Lins. Aos quatro meses de idade da cana-soca, amostras de folhas + 3 foram coletadas para fins de análise de macronutrientes. As variações dos teores de macronutrientes foram mais acentuadas entre localidades do que entre doses dos respectivos adubos. Correlações positivas e significativas foram obtidas somente entre os teores de potássio nas folhas e as produções de cana. Devido às variações acentuadas dos teores de macronutrientes nas folhas de cana-soca em relação a diferentes localidades, as seguintes faixas de teores de nutrientes poderão ser, provisoriamente, consideradas como adequadas: N - 1,53 a 2,22%; P-0,14 a 0,20%; K - 1,24 a 1,59%; Ca-0,38 a 0,71%; Mg - 0,11 a 0,20% e S-0,11 a 0,31%.Eight fertilizer experiments with sugarcane ratoon crops (CB41-76 variety were carried out at several soils in the State of São Paulo, Brazil. Four of them were established on the Dusky Red Latosol, one in the clayey textured Red Yellow Latosol, one in a medium textured Dark Red Latosol and two in the Podzolized soils from calcareous sandstones sediments. Four month old leaves of position +3 were collected and analyzed for macronutrients. Considering the wide variation among localities, the following ranges of leaf nutrient contents were tentatively taken as adequate for sugarcane ratoon crops: N - 1.53 to 2.22%; P - 0.14 to 0.20%; K - 1.24 to 1.59%; Ca - 0.38 to 0.71%; Mg - 0.11 to 0.20% and S - 0.11 to 0.31%.

  9. MANUTENÇÃO DE FOLHAS ATIVAS EM BANANEIRA-'NANICÃO' POR MEIO DO MANEJO DAS ADUBAÇÕES NITROGENADA E POTÁSSICA E DA IRRIGAÇÃO IMPROVING LIFE SPAN OF THE BANANA LEAVES THROUGH NITROGEN AND POTASSIUM FERTILIZATION AND IRRIGATION

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    LUIZ ANTONIO JUNQUEIRA TEIXEIRA

    2001-12-01

    Full Text Available Realizou-se um experimento de campo, em Jaboticabal-SP, com o objetivo de estudar a resposta da bananeira (Musa AAA subgrupo Cavendish-'Nanicão' à adubação nitrogenada e potássica, sob irrigação e sequeiro, durante duas safras. Empregou-se o delineamento experimental de blocos ao acaso, com os tratamentos em parcelas subdivididas, sendo as parcelas principais constituídas por dois regimes hídricos: irrigado (microaspersão e sequeiro, e as subparcelas, pelas combinações de quatro doses de N (0; 200; 400 e 800 kg ha-1de N e quatro de K (0; 300; 600 e 900 kg ha-1de K2O. O bananal foi cultivado de acordo com as recomendações atuais, tomando-se cuidados especiais com o controle preventivo de sigatoca-amarela e com o manejo da irrigação. Por meio da análise do número de folhas ativas (>50% da área verde nas épocas da emissão da inflorescência (NFE e da colheita (NFC, do índice de durabilidade foliar (IDF=NFC¸NFE´100 e dos teores de N e K na folha-índice, avaliaram-se os efeitos da irrigação e da aplicação de doses crescentes de N e K sobre as condições das folhas. Nos dois ciclos de cultivo, houve efeito da adubação potássica e da irrigação sobre o estado das folhas (pA field experiment was carried out in São Paulo State, Brazil, with the objective of investigating the response of 'Nanicão' banana (Musa AAA Cavendish subgroup to nitrogen and potassium fertilization, under irrigated and non-irrigated conditions, during two crop seasons. A split-plot design was used with irrigation (micro-sprinkler and no irrigation applied to main plots and a combination of four rates of N (0, 200, 400 and 800 kg N ha-1 and K (0, 300, 600 and 900 kg K2O ha-1 as the sub-plots treatments. The area was managed according to regional recommendations; special attention was paid to disease control and irrigation management. The effects of treatments on life span of leaves were assessed counting leaves at flowering (NFE and at bunch

  10. Atividade antimicrobiana de extratos hidroalcoolicos das folhas de alecrim- pimenta, aroeira, barbatimão, erva baleeira e do farelo da casca de pequi Antimicrobial activity of hydroalcoholic extracts from rosemary, peppertree, barbatimão and erva baleeira leaves and from pequi peel meal

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Lucinéia de Pinho

    2012-02-01

    Full Text Available Avaliou-se o perfil fitoquímico de extratos hidroalcoólicos padrão (EAPs, obtidos a partir das folhas de alecrim-pimenta (Lippia sidoides, aroeira (Myracrodruon urundeuva, barbatimão (Stryphnodendron adstringens, erva baleeira (Cordia verbenacea e do farelo da casca do fruto do pequi (Caryocar brasiliense e a atividade antimicrobiana de diferentes concentrações desses EAPs contra Staphylococcus aureus e Escherichia coli. Após coleta e identificação, as folhas das plantas e cascas do pequi foram usadas para preparação dos EAPs e submetidas a rastreamento fitoquímico. A atividade antimicrobiana dos EAPs em diferentes diluições (200, 300, 400 e 500mg mL-1 foi testada pela técnica de difusão em ágar. O rastreamento fitoquímico detectou componentes com potencial antimicrobiano em todos os EAPs. Nos testes de difusão em ágar, os extratos de aroeira (≥200mg mL-1, barbatimão (≥300mg mL-1 e erva-baleeira (≥400mg mL-1 inibiram o crescimento de S. aureus, mas não de E. coli. Os EAPs não mostraram atividade sobre E.coli, todavia as folhas de aroeira, barbatimão e erva-baleeira evidenciaram potencial para inibir o crescimento de S. aureus. O uso das folhas e cascas dessas espécies vegetais pode constituir-se numa alternativa sustentável, viável e acessível para tratamento antimicrobiano.This study evaluated the phytochemical profile of standardized hydroalcoholic extracts (EAPs obtained from leafs of rosemary (Lippia sidoides, peppertree (Myracrodruon urundeuva, barbatimão (Stryphnodendron adstringens, erva baleeira (Cordia verbenacea and from the meal of pequi fruit peel (Caryocar brasiliense and the activity of different levels of these EAPs against Staphylococcus aureus and Escherichia coli. After collection and identification of the species, plant leaves and pequi peel were separated to prepare the EAPs. The EAPs underwent phytochemical screening. The antimicrobial activity of the EAPs at different dilutions (200, 300

  11. Avaliação do uso da casca do fruto e das folhas de Caesalpinia ferrea Martius como suplemento nutricional de Fe, Mn e Zn Evaluation of the use of the fruit peel and leaves of Caesalpinia ferrea Martius as a nutritional supplement of Fe, Mn and Zn

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Clelivaldo Santos da Silva

    2010-09-01

    Full Text Available As plantas medicinais podem ser usadas como fontes alternativas de nutrientes minerais na dieta alimentar. Elementos como ferro, manganês e zinco apresentam biodisponibilidade variável em função de suas formas químicas (espécies presentes em um alimento. Este trabalho tem como objetivo avaliar o teor e a biodisponibilidade de ferro, manganês e zinco em extratos da casca do fruto e das folhas de Caesalpinia ferrea Martius por Espectrometria de Absorção Atômica com Chama (FAAS. Os agentes extratores testados foram as soluções de NaOH 0,05 mol. L-1, tampão Tris-HCl 0,05 mol.L-1 (pH= 8, tampão Tris-HCl 0,05 mol.L-1 (pH = 8 em dodecil sulfato de sódio (SDS 1% (m/v, HCl 0,05 mol.L-1 e água quente (60 ºC. A casca do fruto e as folhas de Caesalpinia ferrea Martius apresentaram níveis altos de ferro e manganês quando comparados aos de outras plantas medicinais. Os elementos estudados mostraram predominante associação com compostos de alta e baixa massa molecular, espécies solúveis e insolúveis em água. Dentre os elementos analisados, o ferro apresentou melhor biodisponibilidade na casca do fruto e nas folhas. Manganês e zinco se mostraram mais biodisponível nas folhas. A casca do fruto e as folhas de Caesalpinia ferrea Martius podem ser uma fonte alternativa de ferro, manganês e zinco na dieta alimentar.Medicinal plants can be used as alternative sources of mineral nutrients in the alimentary diet. Elements such as iron, manganese, and zinc present variable bioavailability due to their chemical form (species present in foods. This work has the objective of evaluating the concentration and bioavailability of iron, manganese, and zinc in extracts of the peel and leaves of Caesalpinia ferrea Martius by Flame Atomic Absorption Spectrometry (FAAS. The extraction agents tested were 0.05 mol.L-1 NaOH, 0.05 mol.L-1 Tris-HCl buffer (pH 8.0, 0.05 mol.L-1 Tris-HCl buffer (pH 8.0 containing 1% (m/v sodium dodecylsulfate (SDS, 0.05 mol.L-1

  12. Avaliação da atividade antioxidante e quantificação dos principais constituintes bioativos de algumas variedades de frutas cítricas

    OpenAIRE

    Duzzioni, Alexandra Gelsleichter [UNESP

    2009-01-01

    As frutas cítricas são muito consumidas e apreciadas por todo o mundo, não só devido ao seu paladar agradável como também ao seu valor nutricional. São fontes de constituintes bioativos que podem atuar como antioxidantes em defesa ao nosso organismo. Existem relatos principalmente sobre os fitoquímicos e o potencial antioxidante das laranjas, no entanto as tangerinas, que também apresentam estes constituintes e atividade antioxidante, ainda são pouco estudadas. O Brasil se destaca na produção...

  13. Estudo preliminar toxicológico, antibacteriano e fitoquímico do extrato etanólico das folhas de Jatropha mollissima (Pohl Baill. (pinhão-bravo, Euphorbiaceae, coletada no Município de Tauá, Ceará, Nordeste Brasileiro

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    I.D. BRAQUEHAIS

    Full Text Available RESUMO A cada dia, cepas bacterianas estão tornando-se resistentes a diversos antibióticos, o que faz necessária a busca de novas substâncias eficazes para o tratamento de doenças. Desta forma, este trabalho reporta o estudo preliminar toxicológico, antibacteriano e fitoquímico do extrato etanólico das folhas de Jatropha mollissima (pinhão-bravo, Euphorbiaceae, coletada no Município de Tauá, Ceará, Nordeste Brasileiro. Inicialmente, realizou-se o teste de toxicidade do extrato contra Artemia salina. Na sequencia, foi realizado o ensaio antibacteriano contra quatro cepas bacterianas Gram-negativas (Escherichia coli ATCC 25922, Pseudomonas aeruginosa ATCC 27853, Hafnia alvei ATCC 51873, Klebsiella pneumoniae ATCC 13883 e uma cepa Gram-positiva (Enterococcus faecalis ATCC 29212. Finalmente, fez-se a análise fitoquímica preliminar do extrato ativo para detecção das principais classes de metabólitos especiais. Como resultado, o extrato etanólico das folhas de J. mollissima se mostrou tóxico para Artemia salina, pois apresentou CL50 igual a 406,02 μg/mL. Quanto à ação antibacteriana, o extrato se mostrou ativo contra a bactéria Gram-positiva Enterococcus faecalis ATCC 29212, apresentando moderada atividade antibacteriana (halo de inibição igual a 7,03 mm. Evidenciou-se no extrato bioativo a presença de cumarinas, fenóis, taninos, flavonoides (flavonóis e flavanonas, alcaloides e esteroides, ambas as classes reportadas como antimicrobianos. Portanto, esse extrato tem potencial para ser usado na produção de fármacos contra infecções causadas por bactérias Gram-positivas. No entanto, as informações direcionam estudos futuros para o isolamento e identificação dos compostos bioativos, monitorados sob a ação antibacteriana mais expressiva.

  14. Aminas bioativas e atividade antioxidante em cogumelos

    OpenAIRE

    Guilherme Coelho Lopes dos Reis

    2014-01-01

    O presente trabalho teve como objetivo investigar os teores de aminas bioativas, os teores de fenólicos, a atividade antioxidante e a existência de correlação entre a atividade antioxidante e os teores de poliaminas e fenólicos em oito tipos de cogumelos comestíveis comercializados na região metropolitana de Belo Horizonte MG. As aminas foram determinadas por cromatografia líquida de alta eficiência com par iônico. A capacidade antioxidante foi investigada pelos métodos de inativação do radic...

  15. Digestibilidade de rações e valor de energia metabolizável da farinha das folhas da mandioca e do feno do terço superior da rama de mandioca com e sem tratamento alcoólico para codornas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luiz Carlos Machado

    2015-07-01

    Full Text Available Com a presente pesquisa, objetivou-se estudar a digestibilidade da energia em rações para codornas e determinar a energia metabolizável da farinha das folhas de mandioca (FFM e do feno do terço superior da rama da mandioca (FTSRM, com e sem tratamento alcoólico. Foram utilizadas 224 codornas em postura (Coturnix coturnix Temminck & Schlegel, 1849, distribuídas em quatro tratamentos com quatro repetições cada, utilizando 14 aves em cada parcela experimental, sendo uma ração-referência e três em que o alimento-teste substituiu essa ração em 17,2%. Para tratamento alcoólico do FTSRM, foi utilizada uma mistura 50% v/v de álcool etílico hidratado com água, na qual foram submersos 1,5 kg do FTSRM, previamente moído, em 3 imersões consecutivas. Foi observado que a inclusão dos ingredientes fibrosos piorou a digestibilidade da energia das rações (P<0,05 em razão do maior nível de fibra dessas rações. A FFM e o FTSRM sem tratamento e o tratado com solução alcoólica apresentaram, respectivamente, 1497,61, 1539,61 e 1909,57 kcal EM/kg MS, havendo aumento considerável na energia metabolizável a partir do tratamento da rama com solução alcóolica. São necessárias novas pesquisas para maior elucidação do efeito do tratamento alcoólico sobre a melhoria do valor nutricional de ingredientes fibrosos.

  16. Capacidade antioxidante de frutas e hortaliças

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Elga Batista da Silva

    2015-12-01

    Full Text Available A definição de alimentos funcionais ainda é controversa na literatura, são definidos como aqueles que apresentam concentrações de um ou mais ingredientes modificados ou manipulados para melhorar sua contribuição para dieta saudável. Esses alimentos apresentam ainda nutrientes em quantidades apreciáveis, como é o caso das frutas e hortaliças que apresentam em sua composição compostos antioxidantes capazes de combater os radicais livres. Objetivou-se com essa revisão bibliográfica discutir os benefícios dos compostos com atividade antioxidantes presentes em frutas e hortaliças. Este estudo se utilizou da revisão de literatura para buscar evidencias sobre o tema abordado. Os carotenoides formam uma classe de pigmentos presentes nos vegetais, além das propriedades biológicas envolvendo sua atividade antioxidante, destacarmos a função antioxidante dos compostos fenólicos e das vitaminas A, C e E. As vitaminas são substâncias orgânicas presentes em muitos alimentos em pequenas quantidades e essenciais para o bom funcionamento de muitos processos fisiológicos do corpo humano. O aumento do consumo de frutas e hortaliças deve ser estimulado, pois diversos compostos presentes na célula vegetal como visto no presente trabalho, dentre eles a função antioxidante das vitaminas A, C e E, desempenham proteção e redução do risco de diversas doenças.Antioxidant capacity of fruits and vegetablesAbstract: The definition of a functional food is still controversial in literature, they are defined as those having concentrations of ingredients one or more modified or manipulated to enhance their contribution to healthy diet. These foods still have appreciable amounts of nutrients, such as fruit and vegetables that have in their composition antioxidant compounds capable of combating free radicals. The aim of this review was to discuss benefits of compounds with antioxidant activity present in fruits and vegetables. This study used

  17. Avaliação nutricional do feno das folhas da amoreira (Morus alba L. em frangos de corte - doi: 10.4025/actascianimsci.v33i4.10679 Nutritional assessment of mulberry (Morus alba L. leaf hay in broilers - doi: 10.4025/actascianimsci.v33i4.10679

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Euclides Braga Malheiros

    2011-09-01

    Full Text Available O experimento foi conduzido com o objetivo de avaliar nutricionalmente o feno das folhas de amoreira, utilizando-se de frangos de corte. Foram utilizados cinco tratamentos (Testemunha (sem amoreira, 3,16% FB, 15% de amoreira (4,14% FB, 30% de amoreira (5,09% FB, Sem amoreira (4,14% FB e Sem amoreira (5,09% FB usando-se o delineamento em blocos casualizados, com dois blocos e três repetições dentro de cada bloco e avaliados os índices de desempenho, o exame histopatológico dos órgãos viscerais e medidas morfométricas do núcleo dos hepatócitos e ácinos pancreáticos. Foi verificado o pior desempenho produtivo para as aves que ingeriram feno de folhas de amoreira, além de lesões tais como esteatose, proliferação de células de ductos hepáticos e necrose focal múltipla no fígado das aves alimentadas com o tratamento 30% de amoreira (5,09% FB, além da diminuição nas dimensões do núcleo dos hepatócitos e dos ácinos pancreáticos.The trial was carried to evaluate the nutritional effects of mulberry leaf hay in broiler chickens. Five treatments were used: control (no mulberry, 3.16% CF; 15% mulberry (4.14% CF; 30% mulberry (5.09% CF, no mulberry (4.14% CF; no mulberry (5.09% CF. A randomized blocks design was used, with two blocks and three replications into the blocks to evaluate performance index, histopathological examination of the visceral organs and morphometric measurements of the hepatocyte nucleus and pancreatic acini. A poor performance index was observed for broilers feeding on mulberry leaves; lesions such as steatosis, proliferation of hepatic duct cells and multiple necrosis were found in the livers of the chickens fed with 30% mulberry (5.09% CF, as well as size reduction of the hepatocyte nucleus and pancreatic acini. From these data, it is concluded that mulberry probably has some toxic substance which can interfere in the improvement of diet ingredients, resulting in damage to broiler chickens.

  18. Aplicação foliar de nitrogênio em videira: avaliação do teor na folha e das reservas nitrogenadas e de carboidratos nas gemas dos ramos do ano Nitrogen foliar spraying in grapevine: content in leaves and reserve of nitrogen and carboihydrates in shoots buds

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Gustavo Brunetto

    2008-12-01

    Full Text Available No Rio Grande do Sul (RS, as aplicações foliares de nitrogênio, quando necessárias, têm sido usadas para complementar a adubação via solo. Entretanto, carece-se de informações dos efeitos da freqüência e da quantidade de N aplicado sobre a sua dinâmica na folha e de reservas nitrogenadas e de carboidratos nas partes perenes da videira, que compõem o objetivo deste trabalho. O trabalho foi conduzido em um vinhedo da cultivar Chenin Blanc, safra 2004/05, na Embrapa Uva e Vinho, em Bento Gonçalves (RS, sobre um Neossolo Litólico. Os tratamentos consistiram de uma, duas e três aplicações foliares de 0 (água; 1,11; 2,23; 3,31 e 4,41g de N planta-1. Após cada aplicação de nitrogênio, foram coletadas folhas inteiras (limbo+pecíolo no terço médio dos ramos do ano, no interior e exterior dos diferentes lados da planta, secas, moídas e preparadas para a análise de N total. Na última época de coleta de folhas, foram coletados três ramos do ano em cada planta, retiradas seis gemas em cada ramo, as quais foram submetidas à análise de amido, carboidratos solúveis totais, carboidratos redutores, aminoácidos totais e proteínas totais. As aplicações foliares de N aumentaram o teor do nutriente na folha inteira, de forma destacada, nas épocas de coletas próximas às aplicações; entretanto, essas aplicações diminuíram os teores de amido e carboidratos solúveis totais nas gemas dos ramos do ano e não afetaram os teores de carboidratos redutores e os totais de aminoácidos e proteínas.Leaf nitrogen application is used in grapevines in Southern Brazil as complement to soil fertilization. On the other hand, there is no information about its affects on nitrogen content in the leaves and nitrogen and carbohydrates reserves in the perennial parts. The experiment was carried out in 2004/2005, with the objective to evaluate the effect of nitrogen foliar spraying on leaves and nitrogen and carbohydrates reserves in shoots buds

  19. Controle da ferrugem das folhas do capim-limão [Cymbopogon citratus (DC: Stapf] com produtos naturais Rust control in leaves of lemongrass [Cymbopogon citratus (DC: Stapf] by using natural products

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    E.R. Lorenzetti

    2012-01-01

    Full Text Available Cymbopogon citratus (DC. Stapf é uma planta medicinal pertencente a família Poaceae, perene, importante para a indústria farmacêutica e alimentícia devido ao óleo essencial que produz. Um problema limitante para a produção comercial é a ferrugem, doença cujo agente etiológico é o fungo Puccinia nakanishikii Dietel. O presente trabalho objetivou avaliar a ação de produtos naturais no controle da doença in vitro e in vivo. Para os testes in vitro, empregaram-se os seguintes produtos sobre a germinação de esporos do patógeno: óleos essenciais de eucalipto, palma-rosa, cravo-da-índia, menta, limão, citronela e mil-folhas; extrato pirolenhoso de eucalipto e mentol cristalizado, em diferentes concentrações. Para os testes de campo foram selecionados quatro produtos, o óleo de citronela e de eucalipto, o extrato pirolenhoso, e o mentol. In vitro, todos os agentes mostraram-se promissores no controle do patógeno. Quando em condições in vivo, sob alta severidade da doença no ato da avaliação, os produtos testados foram capazes de reduzir a severidade da doença em comparação com a testemunha. O controle da doença com os agentes naturais variou de 38% (extrato pirolenhoso a 61%(óleo essencial de eucalipto.Cymbopogon citratus (DC. Stapf is a medicinal plant that belongs to the Poaceae family; it is perennial and important for the pharmaceutical and food industry due to the essential oil it produces. A limiting problem for commercial production is rust, a disease that has as etiological agent the fungus Puccinia nakanishikii Dietel. The present study aimed to evaluate the action of natural products on the disease control, in vitro and in vivo. For the in vitro tests, the following products were employed on the germination of the pathogen spores: essential oils from eucalyptus, palmarosa, clove, peppermint, lemon, citronella and yarrow, pyroligneous extract from eucalyptus, and crystallized menthol, at different

  20. Capacidade antioxidante de hortaliças usualmente consumidas Antioxidant capacity of vegetables commonly consumed

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Enayde de Almeida Melo

    2006-09-01

    Full Text Available Como objetivo de avaliar a capacidade antioxidante de 15 hortaliças comercializadas na Cidade do Recife, extratos metanólicos foram testados quanto a atividade antioxidante em sistema modelo beta-caroteno/ácido linoléico e a habilidade de seqüestrar o radical estável 1,1-difenil-2-picrilhidrazil (DPPH. Todas as hortaliças investigadas exibiram propriedade antioxidante, entretanto a ação foi diferenciada entre os vegetais. Os extratos metanólicos da couve folha, tomate, batata, couve-flor, repolho verde, espinafre e alface crespa, com percentual de inibição superior a 70%, foram os mais eficazes em seqüestrar o radical livre. Os extratos metanólicos da alface lisa, cebola branca e vagem apresentaram ação moderada (60-70% de inibição, enquanto que a cebola roxa, chuchu, pepino e cenoura exibiram a mais fraca capacidade de seqüestrar o radical DPPH. No sistema modelo beta-caroteno/ácido linoléico, os extratos metanólicos do espinafre e couve-folha exibiram a mais elevada atividade antioxidante (superior a 70%. Ação antioxidante moderada (60-70% foi exibida pelos extratos da alface lisa, cebola branca e couve-flor, enquanto que os do chuchu, cenoura, pepino, tomate e vagem, com atividade inferior a 60%, foram considerados com fraca ação antioxidante. As hortaliças testadas podem ser vistas como fontes dietéticas de antioxidantes que podem trazer benefícios à saúde, portanto o seu consumo deve ser estimulado.This study was carried out to determine the antioxidant capacity of 15 vegetables commonly consumed in Recife - PE, Brazil. Methanol extracts were screened for their antioxidant activity using two tests: DPPH free radical scavenging and beta-carotene/linoléico acid assay. All vegetables showed antioxidant properties however the action was differentiated among the kinds of vegetables. The methanol extracts of collard greens, tomatoes, potatoes, cauliflowers, green cabbage, spinach and lettuce "crespa" had the

  1. Frutos tropicais silvestres e polpas de frutas congeladas: atividade antioxidante, polifenóis e antocianinas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Kuskoski Eugenia Marta

    2006-01-01

    Full Text Available Os sucos de frutas tropicais conquistam cada vez mais o mercado consumidor, sendo o Brasil um dos principais produtores. Existe grande diversidade de produtos derivados de frutos e constante inserção de novos produtos no mercado de consumo, os quais, na maioria das vezes, ainda não foram devidamente pesquisados com respeito às suas propriedades e atividades benéficas à saúde. Neste trabalho, objetiva-se determinar algumas propriedades de frutos tropicais silvestres in natura e polpas de frutos comercializados congelados. Para determinar a atividade antioxidante, utilizou-se o método do radical 2,2-difeniL-1-picrilhidrazilo (DPPH.; para determinar os polifenóis totais, o método de Folin-Ciocalteu e, para as antocianinas, o método da diferença de pH. As polpas de frutas analisadas foram de amora, uva, açaí, goiaba, morango, acerola, abacaxi, manga, graviola, cupuaçu e maracujá; e os frutos silvestres, jambolão e baguaçu. Representada em TEAC (atividade antioxidante equivalente a Trolox, a atividade antioxidante global das polpas oscila entre mínimos e máximos 0,5 e 53,2mimol g-1, enquanto que, representada em VCEAC (atividade antioxidante equivalente a vitamina C, entre mínimos e máximos de 64,8 e 1198,9mg100g-1. Para os extratos de polpa dos frutos in natura, a atividade antioxidante oscila entre 13,3 e 111,2mimol g-1 (TEAC e entre 42,8 e 2533,1mg 100g-1 (VCEAC. Em ordem decrescente de capacidade antioxidante, encontra-se: acerola> manga> morango> uva> açaí> goiaba> amora> graviola> maracujá> cupuaçu> abacaxi. Os frutos de baguaçu apresentam maior atividade antioxidante que os de jambolão.

  2. ACTIVIDAD ANTIOXIDANTE Y PERFIL DE ÁCIDOS GRASOS DE LAS SEMILLAS DE JABUTICABA (Myrciaria cauliflora BERG)

    OpenAIRE

    NEUZA JORGE; BRUNA JORGE BERTANHA; DÉBORA MARIA MORENO LUZIA

    2011-01-01

    Múltiples compuestos naturales encontrados en frutas, cereales y vegetales presentan actividad antioxidante. Este trabajo tuvo como objetivo caracterizar las semillas de jabuticaba ( Myrciaria cauliflora Berg) en cuanto a su composición proximal y potencial antioxidante, y evaluar el perfil de ácidos grasos en el aceite extraído de las mismas. Para la obtención del extracto, las semillas deshidratadas y trituradas fueron extraídas con alcohol etílico por 30 minutos, en la proporción de 1:3 de...

  3. Purificação do flavonóide trans-tilirosídeo do extrato metanólico das folhas de Gochnatia barrosii Cabrera (asteraceae e avaliação da sua atividade nematicida Purification of the flavonoid trans-tiliroside from the methanolic extract of Gochnatia barrosii Cabrera (Asteraceae leaves and evaluation of the nematicidal activity

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Helvécio Martins dos Santos Júnior

    2010-10-01

    Full Text Available O fracionamento do extrato metanólico das folhas de Gochnatia barrosii Cabrera (Asteraceae resultou no isolamento do flavonol glicosídico trans-tilirosídeo [kaempferol 3-O- -D-(6''-O-E-p-cumaroil-glicopiranosídeo], que nunca tinha sido identificado na referida espécie vegetal. Em teste realizado in vitro, observou-se que tal substância a 500 μg/mL, não tem efeito sobre a mortalidade de juvenis do segundo estágio do nematóide Meloidogyne exigua Goeldi.Fractionation of the methanolic extract from Gochnatia barrosii Cabrera (Asteraceae leaves resulted in the isolation of the flavonol glycoside trans-tiliroside [kaempferol 3-O- -D-(6''-O-E-p-coumaroyl-glucopyranoside], which had never been found in such plant species. Such substance at 500 μg/mL caused no in vitro effect on the mortality of second-stage juveniles of the nematode Meloidogyne exigua Goeldi.

  4. Exercício físico promove efeito antioxidante e restaura a expressão das enzimas óxido nítrico sintases no bulbo ventrolateral rostral de ratos com hipertensão renovascular.

    OpenAIRE

    Souza, Luiz Eduardo de

    2015-01-01

    Programa de Pós-Graduação em Ciências Biológicas. Núcleo de Pesquisas em Ciências Biológicas, Pró-Reitoria de Pesquisa de Pós Graduação, Universidade Federal de Ouro Preto. O exercício físico tem importante ação no sistema nervoso e órgãos reguladores da pressão arterial. Objetivos: Verificar o efeito do exercício físico sobre a expressão das óxido nítrico sintases (NOSs) no bulbo ventrolateral rostral (RVLM) e estado redox no encéfalo, coração, rins e aorta de ratos com hipertensão re...

  5. Fenóis totais, efeitos alelopáticos e avaliação da atividade antioxidante do extrato etanólico de Agave sisalana

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    L. E. Ogava

    2014-11-01

    Full Text Available Agave sisalana, conhecida como sisal possui importância econômica, pois suas fibras são utilizadas na fabricação de cordas e artesanato além de ser a única fonte de renda de muitas famílias e uma das poucas espécies que resiste às condições do semiárido nordestino. Como apenas 5% da planta são aproveitadas, objetivou-se avaliar em seus resíduos, o quantitativo de fenóis totais, a atividade antioxidante e ação alelopática do extrato etanólico de suas folhas (55,6 g que foi obtido por extração a frio. A atividade antioxidante foi avaliada utilizando-se extrato, DPPH e espectrofotômetro UV-Vis (520 nm onde obtiveram-se os seguintes percentuais: 0,001mg/mL: 12,20%, 0,01mg/mL: 5,84%, 0,1mg/mL: 21,73% (atividade moderada e 1mg/mL: 81,10% (ótimo potencial. Os compostos fenólicos foram determinados através da metodologia Sousa et al. (2007 onde o extrato juntamente com Folin-Ciocalteu e espectrofotômetro UV-Vis (750nm foram utilizados e apresentaram 301,31 mgEAG/g (Equivalente de Ácido Gálico. Nos estudos alelopáticos foram utilizadas as concentrações de 250, 500, 1000 e 2000mg/mL de extrato em Zea mays (milho e Lactuca sativa (alface onde a alface apresentou redução na velocidade de germinação e no desenvolvimento da plântula nas concentrações 1000 e 2000 mg/mL, contudo não afetou o potencial de germinação. O milho não apresentou diferenças em relação ao controle.

  6. Quantificação de ácido alfa-linolênico em caules e folhas de linho (Linum usitatissimum L. colhidos em diferentes estágios de desenvolvimento Quantification of alpha-linolenic acid in stems and leaves of flax (Linum usitatissimum L. harvested in different stages of development

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ana Carolina de Aguiar

    2010-12-01

    Full Text Available O objetivo deste estudo foi quantificar o ácido alfa-linolênico [LNA, 18:3 (n-3], avaliar a composição centesimal das folhas e caules de linho (Linum usitatissimum L. submetidos à secagem e colhidos em diferentes estágios de desenvolvimento (40, 80 e 120 dias, e determinar o potencial antioxidante das folhas colhidas aos 80 dias através do teste com o radical DPPH. As folhas obtiveram maiores teores de cinzas, proteína e lipídios totais em relação aos caules. Tanto as folhas quanto os caules apresentaram razões de AGPI/AGS e n-6/n-3 dentro dos valores considerados adequados para a alimentação. Os caules colhidos nos diferentes tempos não apresentaram diferenças significativas (PThe objective of this study was to quantify the alpha-linolenic acid [LNA, 18:3 (n-3] and to evaluate the proximate composition of leaves and stems of flax (Linum usitatissimum L. dried and harvested at different stages of development (40, 80 and 120 days, and to determine the antioxidant potential of the leaf harvested at 80 days using the test of DPPH radical. The leaves had higher levels of ash, protein and total lipids when compared to the stems. Both the leaves as the stems had ratios of PUFA/SFA and n-6/n-3 within the values considered suitable for food. Stems in the different stages showed no significant difference (P<0.05 of LNA content. Leaves harvested at 80 days showed the highest concentration of LNA, corresponding to 1,262.36 mg/100g dried leaf. The different extracts (methanol, butanol, acetate and water were efficient in the inhibition of DPPH radical, with emphasis on the butanolic and acetate fractions and the values of IC50 were approximately 42 ppm. These results highlight the nutritional potential and antioxidant activity of leaves and stems of flaxseed for future use in the animal and human feeding.

  7. Efeitos da farinha de folhas de mandioca sobre a atividade das enzimas AST, ALT, FA e lipídios hepáticos de ratos Wistar Effects of cassava leaves flour on the AST, ALT, ALP enzymes activity and hepatic lipids of Wistar rats

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Daniela Séfora de Melo

    2008-12-01

    Full Text Available Folhas de mandioca possuem substâncias como ligninas e saponinas que podem apresentar efeito hipolipidêmico. Todavia, um estudo recente relatou aumento no peso do fígado de ratos alimentados com dietas contendo farinha de folhas de mandioca (FFM - Manihot esculenta Crantz cv. Cacao, tornando-se necessário um estudo mais aprofundado dos efeitos desta farinha sobre os parâmetros hepáticos. Para este estudo, um ensaio biológico com 32 ratos machos Wistar foi conduzido por um período de 7 semanas, sendo os tratamentos: dieta controle e dietas contendo 5, 10 e 15% de FFM. As dietas contendo FFM não apresentaram efeitos sobre as atividades das enzimas Aspartato Aminotransferase (AST e Fosfatase Alcalina (FA, mas aumentaram significativamente a atividade da enzima alanina aminotransferase (ALT. O estudo histopatológico revelou vacuolização do citoplasma dos hepatócitos para todos os grupos. No entanto, a freqüência de animais com vacuolização acentuada foi superior nos grupos que receberam dietas com FFM, apresentando também maiores teores de lipídios e colesterol total hepáticos e maior relação peso fígado/peso corporal. Estes resultados indicam que os antinutrientes presentes nas folhas de mandioca, como taninos, cianeto e saponinas, podem ser responsáveis pela redução da função hepática nos animais alimentados com FFM.Cassava leaves contain substances such as lignins and saponins that can present the hypolipidemic effect. However, a recent study has reported an increase in liver weight of rats fed diet containing cassava leaves flour (CLF - Manihot esculenta Crantz cv. Cacao. Thus, a further study of the effect of this flour on the hepatic parameters is necessary. For the development of this study, a biological assay with 32 male Wistar rats was conducted for a period of 7 weeks with the following treatments: control diet and diets containing 5, 10, and 15% of CLF. The diets containing CLF showed no effects on the

  8. Ação antioxidante de chás e condimentos de grande consumo no Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Selene M. de Morais

    Full Text Available Antioxidantes são compostos que atuam inibindo e/ou diminuindo os efeitos desencadeados pelos radicais livres e compostos oxidantes. Os chás são bebidas populares e fontes significativas de compostos fenólicos, sendo considerados importantes integrantes das dietas devido às suas propriedades antioxidantes. O presente trabalho teve como objetivo avaliar a ação antioxidante de uma variedade de chás e condimentos mais consumidos no Brasil. Os chás analisados foram das plantas: Pneumus boldus Mold., Matricaria recutita L., Cymbopogon citratus (DC Stapf, Baccharis trimera (Less. DC, Camelia sinensis (L O. Kuntze (fermentado, Camelia sinensis (não-fermentado, Lippia alba N.E. Brown,Mentha arvensis L., e Pyrus malus L. Os condimentos analisados foram: Eugenia aromatica Baill, Cinnamonum zeylanicum Blume, Laurus nobilis L. e Origanum vulgare L. O método utilizado para avaliar a ação antioxidante foi o da atividade seqüestradora de radicais livres DPPH em solução metanólica. Todas as amostras analisadas demonstraram atividade em suas diferentes concentrações. Camelia sinensis (não-fermentada foi a mais ativa com CI50= 0,14 mg/mL, cujos principais compostos antioxidantes são epigalocatequinas. Os condimentos mais ativos foram Cinnamonum zeylanicum (CI50 = 0,37 mg/mL, Eugenia aromatica Baill (CI50 = 0,46 mg/mL e Laurus nobilis (CI50 = 0,76 mg/mL, cujo principal antioxidante relatado foi o eugenol.

  9. Fenóis totais, flavonoides totais e atividade antioxidante de Selaginella convoluta (Arn. Spring (Selaginellaceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Pedro Guilherme Sousa de Sá

    2012-12-01

    Full Text Available Selaginella convoluta é uma espécie conhecida no Nordeste do Brasil como “jericó”, e bastante utilizada na medicina popular para tratamento de doenças. Este estudo teve como objetivo determinar o teor de compostos fenólicos e avaliar a atividade antioxidante in vitro do extrato etanólico e das frações obtidas por partição de S. convoluta. O conteúdo de fenóis totais foi determinado pelo método de Folin-Ciocalteu. O teor de flavonoides totais também foi avaliado. A atividade antioxidante dos extratos foi avaliada usando o método do sequestro do radical DPPH e inibição da auto-oxidação do sistema β-caroteno-ácido linoleico e comparada com os compostos de referência ácido ascórbico, BHA, BHT, quercetina e pirogalol. O conteúdo fenólico total foi de 209,90 ± 19,84 e 61,13 ± 2,50 mg equivalente de ácido gálico/g para os extratos AcOEt e EEB, respectivamente. O conteúdo de flavonoides totais foi de 155,70 ± 6,21 e 62,13 ± 4,10 para os dois extratos, respectivamente. Os extratos AcOEt e EEB apresentaram boas atividades antioxidantes. BHA foi o antioxidante mais efetivo, com um valor de IC50 de 1,62 ± 0,69 µg/mL. Os resultados obtidos mostram que S. convoluta pode ser uma boa fonte de compostos fenólicos antioxidantes. Estudos posteriores serão realizados para se chegar ao isolamento e identificação dos principais constituintes fenólicos dos extratos.

  10. Composição química do óleo essencial e avaliação da atividade antimicrobiana do óleo essencial, extrato etanólico bruto e frações das folhas de Spiranthera odoratissima A. St.-Hil Chemical composition of the essential oil and evaluation of the antimicrobial activity of essential oil, crude ethanol extract and fractions of Spiranthera odoratissima A. St.-Hil. leaves

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    B.A. Chaibub

    2013-01-01

    Full Text Available A Spiranthera odoratissima A. St.-Hil (manacá é utilizada popularmente como depurativo do sangue, nas afecções renais e hepáticas (chá das folhas para dores musculares, de estômago, de cabeça, e disfunções hepáticas (chá das raízes. O objetivo desse trabalho foi avaliar a composição química do óleo essencial e a atividade antimicrobiana do óleo essencial, do extrato etanólico bruto e frações obtidos das folhas de S. odoratissima contra bactérias Gram positivas e negativas, e Candida albicans. O extrato bruto das folhas foi obtido por maceração seguido de concentração em rotaevaporador e as frações por partição em coluna filtrante. O pó das folhas foi submetido à hidrodestilação em aparelho de Clevenger e o óleo essencial obtido foi analisado por CG/EM. A atividade antimicrobiana foi avaliada pelo método da diluição em ágar para determinar a concentração inibitória mínima (CIM. Os constituintes majoritários do óleo essencial foram β-cariofileno (20,64%, γ-muuroleno (17,70%, biciclogermacreno (14,73%, e δ-cadineno (13,40%. No estudo da atividade antimicrobiana de S. odoratissima, os principais resultados foram obtidos contra Staphylococus epidermidis (extrato etanólico bruto, CIM de 0,098 mg/mL, C. albicans (fração hexano, CIM de 0,049 mg/mL, Bacillus cereus (diclorometano, CIM de 0,098 mg/mL, Micrococcus roseus (fração acetato de etila, CIM 0,049 mg/mL, e M. roseus, Micrococus luteus, B. cereus e C. albicans (fração metanol, CIM de 0,391 mg/mL.Spiranthera odoratissima ("manacá" has been popularly used as a blood cleanser, for liver and kidney diseases (tea from the leaves, as well as for muscle and stomach pains, headache and liver disorders (tea from the roots. The aim of this study was to evaluate the chemical composition of the essential oil and the antimicrobial activity of essential oil, crude ethanol extract and fractions of S. odoratissima leaves against Gram-positive and negative

  11. ANTIOXIDANTES: MICRONUTRIENTES EN LUCHA POR LA SALUD

    OpenAIRE

    Zamora S, Juan Diego

    2007-01-01

    Los antioxidantes son sustancias químicas que se caracterizan por impedir o retrasar la oxidación de diversas sustancias principalmente de los ácidos grasos cuyas reacciones se producen tanto en los alimentos como en el organismo humano, en el cual puede provocar alteraciones fisiológicas importantes desencadenantes de diversas enfermedades. Otra de las funciones de los antioxidantes es facilitar el uso fisiológico del oxígeno por parte de las mitocondrias celulares, ayudando a reducir los ef...

  12. Inhibitory effect of the essential oil from Cinnamomum zeylanicum Blume leaves on some food-related bacteria Efeito inibitório do óleo essencial das folhas de Cinnamomum zeylanicum Blume sobre bactérias de interesse em alimentos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Vinicius Nogueira Trajano

    2010-09-01

    Full Text Available Cinnamomum zeylanicum Blume, Lauraceae, has long been known for having many biological properties. This study aimed to identify the constituents of the essential oil from C. zeylanicum leaves using GC-MS and to assess its inhibitory effect on Salmonella enterica, Escherichia coli, Staphylococcus aureus, and Pseudomonas aeruginosa based on MIC and MBC determination and kill-time study. Eugenol (73.27% was the most prevalent compound in the essential oil followed by trans-β-cariophyllene (5.38%, linalool (3.31%, and alcohol cinamic acetate (2.53%. The results showed an interesting antibacterial activity of the oil with MIC ranging from 1.25 to 10 µL.mL-1. MBC values were in the range of 20 - 80 µL.mL-1. A concentration of 10 and 40 µL.mL-1 of the essential oil caused a fast and steady decrease in viable cell count (2 to 5 log cycles of all assayed strains along 24 hours. A concentration of 40 µL.mL-1 of the oil provided a total elimination of the initial inocula of S. aureus after 2 hours. These results show the possibility of regarding the essential oil from C. zeylanicum leaves as alternative sources of antimicrobial compounds to be applied in food conservation systems.Cinnamomum zeylanicum Blume, Lauraceae, é uma espécie vegetal reconhecida, a longo tempo, como possuidora de muitas propriedades biológicas. Este estudo objetivou identificar os constituintes do óleo essencial das folhas de C. zeylanicum, utilizando CG-EM, e avaliar seu efeito inibitório sobre Salmonella enterica, Escherichia coli, Staphylococcus aureus e Pseudomonas aeruginosa através da determinação da CIM e CBM, bem como através da análise do tempo de morte bacteriana. Eugenol (73,27% foi o composto mais prevalente no óleo essencial, seguido por trans-β-cariofileno (5,38%, linalol (3,31% e álcool acetato cinâmico (2,53%. Os resultados mostraram uma interessante atividade antibacteriana do óleo essencial com CIM, variando de 1,25 a 10 µL.mL-1. Os valores de

  13. Atividade antimicrobiana e antioxidante do óleo essencial de ho-sho (Cinnamomum camphora Ness e Eberm Var. Linaloolifera fujita Antimicrobial and antioxidant activities of ho-sho (Cinnamomum camphora Ness e Eberm Var. Linaloolifera fujita essential oil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rogério Luis Cansian

    2010-06-01

    Full Text Available Este trabalho teve como objetivo determinar a atividade antimicrobiana e antioxidante do óleo essencial de Ho-Sho. O principal componente do óleo essencial obtido a partir de folhas da planta submetidas ao processo de hidrodestilação foi o linalol (80 a 95% m/m. O óleo essencial mostrou atividade antimicrobiana para todos os microrganismos testados, com exceção de Pseudomonas aeruginosa. A maior atividade antimicrobiana do óleo essencial sobre as bactérias testadas foi observada sobre Xanthomonas campestris (33,0 mm e a menor sobre Yersinia enterocolitica (10,5 mm. Para a concentração inibitória mínima (CIM, observou-se que todos os microrganismos apresentaram-se susceptíveis ao óleo essencial de Ho-Sho. A variação das CIM para as bactérias Gram-positivas foi de 1,00 mg.mL-1 (Streptococcus mutans a 1,75 mg.mL-1 (Staphylococcus epidermidis. Já a variação das CIM para as bactérias Gram-negativas foi de 0,625 mg.mL-1 (Citrobacter freundii a 2,50 mg.mL-1 (Shigella flexneri. Os resultados obtidos na determinação da atividade antioxidante do óleo essencial demonstram que o percentual antioxidante aumenta proporcionalmente à concentração de óleo essencial adicionado, atingindo o valor máximo de 97,49% de atividade antioxidante para a concentração de 50000 μg.mL-1.The main objective of this work was to evaluate the antimicrobial and antioxidant activities of the Ho-Sho essential oil. The major component of the essential oil obtained from the leaves submitted to hydro-distillation was linalool (80-95 wt%. The essential oil showed antimicrobial activity for all tested microorganisms, except for Pseudomonas aeruginosa. Higher antimicrobial activities over the tested bacterium were observed for Xanthomonas campestris (33.0 mm, and lower activities were obtained for Yersinia enterocolitica (10.5 mm. For the minimal inhibition concentration (MIC, it was observed that all microorganisms presented susceptibility to the Ho

  14. Os valores-notícia no jornalismo impresso : análise das 'características substantivas' das notícias nos jornais Folha de São Paulo, O Estado de São Paulo e O Globo

    OpenAIRE

    Fabiane Barbosa Moreira

    2006-01-01

    Ao selecionar os fatos que se tornarão notícia, o jornalismo exerce um papel crucial na sociedade, determinando o que o público deve ou não saber. Assim, nesta dissertação, investiga-se o que é notícia para os jornais de referência no Brasil. Analisam-se 259 chamadas de capa dos veículos Folha de São Paulo, O Estado de São Paulo e O Globo, verificando-se quais os valores-notícia (news values) mais presentes e como eles aparecem. Para isso, elabora-se uma síntese dos valores citados em 13 trab...

  15. Atividade antioxidante da polpa, casca e sementes do noni (Morinda citrifolia Linn

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Adriana Barbosa Costa

    2013-06-01

    Full Text Available Na busca pela identificação de novas fontes de antioxidantes naturais e de esclarecer lacunas acerca das reais propriedades benéficas atribuídas ao Noni (Morinda citrifolia Linn, este trabalho teve como objetivo realizar a caracterização química e avaliar a atividade antioxidante da polpa, casca e sementes do noni. Foram determinadas a composição centesimal (umidade, cinzas, proteínas, carboidratos e lipídios; os compostos bioativos (fenólicos totais, carotenoides totais e vitamina C e a atividade in vitro em extratos aquoso, etanólico e acetônico. Os resultados demonstraram que o Noni possui quantidades significativas de carboidratos (27,21%; 9,70% e 8,37% e de proteínas (2,64%; 2,23%; e 2,24% nas sementes, casca e polpa, respectivamente. A polpa apresentou maior teor de vitamina C (23,1 mg/100g e de carotenoides totais (3,90 mg/100g. No extrato acetônico da polpa, foram quantificados 109,81 mg/100g de fenólicos totais, seguidos pelos extratos acetônicos da casca (76,01 mg/100g, das sementes (28,75 mg/100g e do extrato etanólico da polpa (20,33 mg/100g. Todos os extratos avaliados apresentaram atividade antioxidante in vitro; os extratos acetônico e etanólico da casca e das sementes do Noni apresentaram maior atividade pelo método β-caroteno/ ácido linoleico, enquanto o extrato etanólico da polpa teve maior atividade antioxidante pelo ensaio DPPH e ABTS, e o extrato acetônico da polpa, pelo método ABTS. O noni é um fruto com significativo teor de compostos fenólicos totais que apresentam atividade antioxidante in vitro.

  16. Actividad antioxidante de extractos de diez basidiomicetos comestibles en Guatemala

    OpenAIRE

    Karen Belloso; Ivonne González; Rebeca Suárez; Armando Cáceres

    2015-01-01

    Los antioxidantes son esenciales en el cuerpo humano para prevenir el daño oxidativo. Estas substancias pueden obtenerse de diversas fuentes como frutas, plantas y hongos. En Guatemala, diversas especies de hongos comestibles son comercializadas y consumidas, sin embargo su actividad antioxidante no ha sido documentada en el país. El objetivo de este estudio fue determinar la actividad antioxidante de extractos acuosos y etanólicos obtenidos de diez especies de basidiomicetos comestibles (Aga...

  17. Estado oxidante e antioxidante de crianças com bronquiolite aguda

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rusen Dundaroz

    2013-08-01

    Full Text Available OBJETIVO: O estresse oxidativo demonstrou contribuir para a patogênese de doenças pulmonares inflamatórias agudas e crônicas. Nosso objetivo foi avaliar o estado oxidante/antioxidante de crianças com bronquiolite aguda por meio de mensuração da capacidade antioxidante total do plasma, estado oxidante total e índice de estresse oxidativo. MÉTODOS: As crianças com bronquiolite aguda encaminhadas para o Departamento de Emergência Pediátrica do hospital universitário entre janeiro e abril 2012 foram comparadas a controles saudáveis de mesma idade. Os pacientes com bronquiolite aguda tiveram essa doença classificada como leve e moderada. O estado oxidante e antioxidante foi avaliado pela mensuração da capacidade antioxidante total do plasma, estado oxidante total e índice de estresse oxidativo. RESULTADOS: Foram incluídas 31 crianças com bronquiolite aguda com idade de três meses a dois anos e 37 crianças saudáveis. O estado oxidante total (EOT foi maior em pacientes com bronquiolite aguda do que no grupo de controle (5,16±1,99 µmol H2O2 em comparação a 3,78±1,78 µmol H2O2 [p = 0,004]. A capacidade antioxidante total (CAT foi significativamente menor em crianças com bronquiolite que no grupo de controle (2,51±0,37 µmol Trolox equivalente/L em comparação a 2,75±0,39 µmol Trolox Eqv/L (p = 0,013. Os pacientes com bronquiolite moderada apresentaram níveis de EOT mais elevados que os com bronquiolite leve e os do grupo de controle (p = 0,03, p < 0,001. Os pacientes com bronquiolite moderada apresentaram níveis de IEO mais elevados que os do grupo de controle (p = 0,015. O nível de saturação de oxigênio de pacientes com bronquiolite foi inversamente correlacionado ao nível de EOT (r = -0,476, p < 0,05. CONCLUSÃO: O equilíbrio entre os sistemas oxidante e antioxidante é interrompido em crianças com bronquiolite moderada, indicando que o fator de estresse poderá ter um papel na patogênese da doença.

  18. Fenólicos totais e capacidade antioxidante in vitro de polpas de frutos tropicais

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luanne Morais Vieira

    2011-09-01

    Full Text Available O consumo de frutos e suas polpas tem sido muito recomendado por seu valor nutricional, alto teor de fibras, vitamina C e carotenoides. Trabalhos recentes têm apontado esses alimentos como fontes de compostos fenólicos com ação antioxidante, portanto sequestradores de radicais livres, com ação protetora contra o surgimento e/ou desenvolvimento de processos degenerativos que conduzem a doenças crônicas não transmissíveis. Devido à crescente comercialização e consumo de polpas de frutas no Brasil, especialmente na cidade de Teresina-Piauí, este trabalho selecionou um grupo de polpas de frutos de elevado consumo local para avaliação do teor de fenólicos totais e da atividade antioxidante in vitro pelo método de captura de radicais livres: DPPH (radical 1,1-diphenil-2-picrilhydrazil e ABTS (radical 2,2'azinobis(3-ethylbenzthiazoline-6-sulfonic acid. Os frutos selecionados foram: Acerola (Malpighia emarginata DC., Bacuri (Platonia insignis Mart., Cajá (Spondias mombin L., Caju (Anacardium occidentale, Goiaba(Psidium guajava e Tamarindo (Tamarindus indica L.. Os teores de fenólicos totais encontrados nas polpascongeladas destes frutos exibiram quantidades relevantes de polifenóis, destacando-se a polpa de acerola com 835,25 ± 32,44 e 449,63 ± 10,24 mg /100g nos extratos aquosos e hidroalcoólicos, respectivamente, seguido pela polpa de caju com 201,61 ± 19,15 e 165,07 ± 4,10 mg /100g. As polpas de bacuri e tamarindo foram as que apresentaram os menores teores de fenólicos totais. Com relação à atividade antioxidante in vitro, os melhores resultados foram encontrados para os extratos aquosos e hidroalcoólicos das polpas de acerola, caju e goiaba. A capacidade antioxidante destas polpas (EC50 em µg/mL variou de 24,42 a 413,36 e de 1,74 a 259,18 para os extratos aquosos e hidroalcoólicos, respectivamente. Utilizando o radical ABTS, a atividade antioxidante para essas mesmas polpas de frutas apresentou valores TEAC que

  19. Efeito hipolipemiante e antioxidante de subprodutos da uva em hamsters

    OpenAIRE

    Emilia Yasuko Ishimoto

    2008-01-01

    Introdução: Recentes pesquisas têm indicado o enorme potencial de certas substâncias alimentares, como polifenóis antioxidantes e fibras na redução de riscos de doenças crônicas. O bagaço de uva, subproduto do processamento de vinhos e sucos, representa uma ótima fonte de fibras e antioxidantes naturais de baixo custo. Objetivo: Avaliar o potencial hipolipemiante, antioxidante e sensorial de subprodutos do processamento do vinho e do suco. Métodos: Para avaliar a capacidade antioxidante in vi...

  20. Compatibilidade de Dicyma pulvinata com defensivos agrícolas e eficiência do biocontrole do mal-das-folhas da seringueira em campo Compatibility of Dicyma pulvinata with pesticides and biocontrol efficiency of South American leaf blight of rubber tree under field conditions

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Débora Ferreira Melo

    2008-02-01

    Full Text Available O objetivo deste trabalho foi avaliar quatro isolados do fungo antagonista Dicyma pulvinata quanto à compatibilidade com defensivos agrícolas e adjuvantes, e a eficiência desses isolados no controle do mal-das-folhas (Microcyclus ulei da seringueira (Hevea sp. em campo. A compatibilidade dos isolados com defensivos e adjuvantes foi avaliada com base no crescimento micelial e na esporulação do fungo, em testes conduzidos in vitro. Para avaliação da eficiência do antagonista contra M. ulei, em campo, os quatros isolados do antagonista foram comparados ao controle exercido pelo tratamento com os fungicidas propiconazol + mancozeb. Os ensaios conduzidos em laboratório indicaram a incompatibilidade de D. pulvinata com os fungicidas benomyl, carbendazim, mancozeb, propiconazol e, ainda, com o inseticida acaricida endosulfan. Dois dos adjuvantes testados (Tween 20 e Tween 80 não afetaram o desenvolvimento do fungo. Foi comprovada a ação do antagonista D. pulvinata sobre M. ulei, em campo, com destaque para os isolados CEN 62 e CEN 93, que apresentaram eficiência de controle semelhante ao tratamento fungicida padrão.The objective of this work was to evaluate four isolates of the antagonist fungus Dicyma pulvinata in terms of its compatibility with chemical pesticides and adjuvants products, and the efficiency of these isolates as biocontrol agent against South American leaf blight (Microcyclus ulei of rubber tree (Hevea sp. under field conditions. Isolates compatibility with chemical pesticides and adjuvants was evaluated on mycelial growth and fungus sporulation in vitro. To assess the efficiency of the antagonist against M. ulei under field conditions, the four isolates were compared to the control by the fungicide mixture propiconazol + mancozeb. The assays showed incompatibility of the antagonistic fungus with the fungicides benomyl, carbendazim, mancozeb, propiconazol, besides the insecticide-acaricide endosulfan. Two of the adjuvants

  1. Compostos fenólicos e capacidade antioxidante em frutos de tomateiros mutantes fotomorfogenéticos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Tiago Dias

    2015-05-01

    Full Text Available Compostos fenólicos e capacidade antioxidante são mecanismos de defesa das plantas aos danos do estresse oxidativo. Os compostos fenólicos são sintetizados pela via dos fenilpropanoides, cuja enzima chave, fenilalanina amônia liase, é influenciada pela luz e ação de fotorreceptores, como o fitocromo. O objetivo do presente trabalho é avaliar a concentração de compostos fenólicos e a capacidade antioxidante de frutos de microtomateiro selvagem, cultivar "Micro-Tom" (MT, e seus mutantes fotomorfogenéticos high pigment 1 (hp1, super-responsivo a eventos mediados por luz e aurea (au, deficiente quantitativo em fitocromos. Vinte frutos maduros de cada genótipo (MT, hp1 e au foram utilizados para as análises, realizadas em triplicata. Para quantificação dos compostos fenólicos totais, foi utilizado o método de Folin-Ciocalteu e a capacidade antioxidante foi realizada pelos métodos Ferric Reducing Antioxidant Power (FRAP e 2,2-diphenyl-1-picrylhydrazyl (DPPH. Os frutos do mutante hp1 apresentaram maiores conteúdos de compostos fenólicos totais e também maior capacidade antioxidante em relação à cultivar selvagem ("MT" e ao mutante au, o qual não diferiu significativamente da cultivar "MT".

  2. Empleo de aceites esenciales como antioxidantes naturales

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Zydgalo, J. A.

    1995-10-01

    Full Text Available The aims of this study were to determine and compare the antioxidant effect of essential oils from Thymus vulgaris, Laurus nobilis, Foeniculum vulgare, Eucalyptus globules, Tagetes minuta, Satureja parvifolia and Lippia polystachya in soybean oil. The concentrations of volatile oils in soybean oil were 0.1% and 0.02%. The antioxidant activity was measured by peroxide values. Thymus vulgaris and L. nobilis essential oils exhibited a significant antioxidant activity, followed by F. vulgare and E. globules in a decreasing order. Tagetes minuta, S. parvifolia and L. polystachya had not effect, and their contribution to the stability of soybean oil was negligible.

    Los objetivos de este estudio fueron determinar y comparar el efecto antioxidante de los aceites esenciales de Thymus vulgaris, Laurus nobilis, Foeniculum vulgare, Eucalyptus globulus, Tagetes minuta, Satureja parvifolia y Lippia polystachya en el aceite de soja. Las concentraciones de las esencias en el aceite de soja fueron 0.1% y 0.02%. La actividad antioxidante fue medida por los valores de peróxido. Los aceites esenciales de T. vulgaris y L nobilis exhibieron una significativa acción antioxidante seguidos, en orden decreciente, por F. vulgare y E. globulus. Las esencias de T. minuta, S. parvifolia y L polystachya no mostraron efecto antioxidante y su contribución a la estabilidad oxidativa del aceite de soja fue despreciable.

  3. ASPECTOS FÍSICO-QUÍMICOS DE AZEITES DE OLIVA E DE FOLHAS DE OLIVEIRA PROVENIENTES DE CULTIVARES DO RS, BRASIL

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Lucilene Dornelles MELLO

    2012-12-01

    Full Text Available Este trabalho teve por objetivo apresentar os resultados da caracterização físico-química de azeites de oliva e folhas de oliveira da variedade Arbequina, cultivadas no estado do Rio Grande do Sul, Brasil, e determinar o potencial antioxidante pelo ensaio do DPPH na atividade sequestrante de radicais livres (ASRL %, atividade quelante (% AQ e poder redutor de extratos aquosos de folhas de oliveira in natura, folhas processadas para chás (comercial 1 e comercial 2 e azeites de oliva provenientes de olivais dos municípios de Caçapava do Sul (azeite 1 e Cachoeira do Sul (azeite 2. Os azeites de oliva também foram avaliados quanto aos índices de iodo, saponificação, peróxidos, refração absoluto a 20ºC e determinação da acidez, densidade, medida da absorbância no ultravioleta a 270nm/232nm e determinação do perfil de ácidos graxos. Os estudos com os derivados de oliveira para a fração fenólica e a atividade antioxidante elevaram-se concomitantemente. Os extratos de folhas processadas e os azeites de oliva foram às amostras que apresentaram teores mais altos de fenóis totais e as melhores respostas de ASRL (> 80%. Todas as amostras apresentaram baixos valores percentuais de AQ (< 30% e poder redutor (entre 20 – 50%. Pela análise dos parâmetros físico-químicos e perfil de ácidos graxos, os azeites de oliva podem ser classificados como azeite virgem extra.

  4. TEORES DE POLIFENÓIS DE CAULE E FOLHA DE QUATRO CULTIVARES DE ABACAXIZEIRO

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    SANTOS MÔNICA ALESSANDRA TEIXEIRA DOS

    2001-01-01

    Full Text Available Teores de polifenóis foram determinados nos resíduos agrícolas - caule e folha -do abacaxizeiro (Ananas comosus (L. Merrill das cultivares Pérola, Perolera, Smooth Cayenne e Primavera, cultivadas em Ijací-MG, com o objetivo de subsidiar a possível utilização destes resíduos para consumo humano e/ou animal. De acordo com os resultados obtidos, nenhuma das cultivares estudadas apresentou teores de polifenóis acima de 1%, nível considerado alto e prejudicial à digestibilidade de proteínas. A folha apresentou teores de polifenóis superiores aos do caule em todas as cultivares analisadas. Não houve diferenças significativas entre as cultivares, mas a Smooth Cayenne e a Perolera apresentaram os maiores e menores teores de polifenóis, respectivamente.

  5. Diagnose laboratorial dos frutos e folhas de Anacardium occidentale L. (Caju

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luzia llza Ferreira Jorge

    Full Text Available Anacardium occidentale L. espécie nativa do continente centro e sul-americano, é planta amplamente utilizada, empregada na alimentação humana e animal, bem como na medicina popular. Neste trabalho objetivamos o reconhecimento das principais características diagnósticas das folhas e dos receptáculos carnosos. Detalhes como o tipo de cutícula, paredes celulares, anexos epidérmicos e inclusões celulares são destacados nas descrições e nas figuras. As folhas encerram flavonóides, saponinas,compostos fenólicos e óleo essencial.

  6. Avaliação do potencial antioxidante da geleia real ao longo do tempo de armazenamento

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria Luisa Teles Marques Florencio Alves

    2012-05-01

    Full Text Available http://dx.doi.org/10.5007/2175-7925.2012v25n3p257   A geleia real é uma substância com aspecto de pasta gelatinosa, de cor branca, ligeiramente amarelada, secretada pelas glândulas hipofaringeanas e mandibulares das abelhas operárias. O objetivo desta pesquisa foi avaliar o potencial antioxidante da geleia real, ao longo do tempo de armazenamento. Os parâmetros físico-químicos utilizados foram: umidade, teor de ácido ascórbico e de fenólicos totais. As amostras foram submetidas ao processo de extração dando origem ao extrato alcoólico, que foi aplicado ao teste do 1,1-difenil-2-picrilhidrazil (DPPH para avaliação da atividade antioxidante in vitro. A geleia real apresentou baixos teores de ácido ascórbico (de 0,75 a 1,31mg/100g base úmida e de fenólicos totais (de 14,26 a 28,30mg EAG/100g base úmida. As porcentagens de descoloração do DPPH pelo extrato alcoólico das amostras ficaram acima de 50%, exceto aos 90 dias de armazenamento. A partir dos resultados obtidos, considerando-se os reduzidos teores de ácido ascórbico e de fenólicos totais e, ainda, o baixo desempenho do extrato alcoólico das amostras no teste de atividade antioxidante in vitro, conclui-se que a geleia real apresenta potencial antioxidante relativamente baixo. O tempo de armazenamento não foi determinante nas alterações encontradas.

  7. Nutrição e produção da laranjeira "Folha Murcha" em porta-enxertos e plantas de cobertura permanente na entrelinha Nutrition and yield of the 'Folha Murcha' orange in rootstocks and groundcover management systems

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Jonez Fidalski

    2006-06-01

    Full Text Available O estado nutricional e a produção de citros não são conhecidos para as diferentes combinações copa/porta-enxertos e plantas de coberturas permanente na entrelinha. O estudo foi instalado em um experimento de laranjeira "Folha Murcha" [Citrus sinensis (L. Osb.] com oito anos de idade, conduzido entre 1997 a 2002, no município de Paranavaí, região Noroeste do Paraná. O solo corresponde a um Argissolo Vermelho distr��fico típico textura areia/franco arenoso. O delineamento experimental foi de blocos ao acaso, sendo os tratamentos constituídos por sete porta-enxertos: limoeiro "Cravo", limoeiro "Rugoso da África", limoeiro "Volcameriano", tangerineira "Cleópatra", tangerineira "Sunki", citrangeiro "C-13" e Trifoliata, com três plantas em cada parcela experimental. As repetições foram constituídas por três blocos com a cobertura Paspalum notatum e por um bloco com Arachis pintoi. Foram avaliados os teores dos nutrientes foliares e a produção de frutos da laranjeira "Folha Murcha". O manejo das entrelinhas com a leguminosa elevou os teores de N à faixa excessiva nas folhas do porta-enxerto limoeiro "Cravo", e reduziu a produção de frutos da laranjeira "Folha Murcha" em relação à gramínea. Nas entrelinhas com gramínea, a produção de frutos da laranjeira "Folha Murcha" foi dependente das safras agrícolas e dos teores foliares de Ca, Mg e Zn. A absorção máxima de Ca pelas folhas de laranjeira "Folha Murcha" precede a de Mg e Zn. Nestas condições, os porta-enxertos tangerineira "Cleópatra" e limoeiro "Rugoso da África" apresentaram maior produção de frutos de laranjeira "Folha Murcha".The nutritional status and yield of citrus are not known for different canopy/rootstocks and soil groundcover management systems. The study was set up in a 8-year-old 'Folha Murcha' [Citrus sinensis (L. Osb.] orange experiment, and was carried out from 1997 to 2002 in Paranavai, in the northwest region of the state of Parana

  8. Estabilidad oxidativa de huevos enriquecidos con ácidos grasos poliinsaturados omega 3, frente a antioxidantes naturales Estabilidade oxidativa de ovos enriquecidos com ácidos graxos poliinsaturados ômega 3, frente a antioxidantes naturais

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    María Elena Bernal Gómez

    2003-12-01

    Full Text Available Fueron alimentadas 192 gallinas ponedoras de 22 semanas de edad, de linaje comercial Babcock, durante 30 días con dietas de 0 (cero y 12,7% de semilla de linaza molida que corresponde a 0 y 5% de aceite de linaza, respectivamente. Fueron definidos 8 tratamientos: 4 grupos con 12,7% de semilla de linaza (control/sin antioxidante; BHA+BHT, 100+100 ppm; orégano, 200 ppm; romero, 200 ppm y 4 grupos sin semilla de linaza, pero utilizando los mismos antioxidantes. Este estudio fue realizado con el objetivo de verificar la eficacia del uso de antioxidantes naturales provenientes del orégano y del romero en la protección contra el deterioro oxidativo de la fracción lipídica de las yemas de los huevos enriquecidos con ácidos grasos poliinsaturados omega 3 (PUFA É-3. El grado de oxidación lipídica fue determinado a través de la prueba TBARS (substancias reactivas con ácido tiobarbitúrico. Según los resultados obtenidos, fue verificada diferencia significativa en la reducción del grado de oxidación lipídica de las yemas de huevo en todos los tratamientos con antioxidantes, cuando se compara con el control. Por lo tanto, los extratos de los condimentos, romero y orégano, pueden ser utilizados satisfactoriamente para obtener huevos enriquecidos con PUFA É-3, mejorando la estabilidad lipídica.Foram alimentadas 192 galinhas poedeiras de 22 semanas de idade da linhagem comercial Babcock, durante 30 dias com dietas constituídas de 0 (zero e 12,7% de semente de linhaça moída correspondente a 0 e 5% de óleo de linhaça, respectivamente. Foram definidos 8 tratamentos: 4 grupos com 5% de óleo de linhaça (controle/sem antioxidante; BHA+BHT, 100+100 ppm; orégano, 200 ppm; alecrim, 200 ppm e 4 grupos sem óleo de linhaça, mas utilizando os mesmos antioxidantes. Este estudo foi realizado com o objetivo de verificar a eficácia do uso de antioxidantes naturais provenientes do orégano e do alecrim, na proteção contra a deteriora

  9. Avaliação dos efeitos depressores centrais do extrato etanólico das folhas de Synadenium umbellatum Pax. e de suas frações em camundongos albinos Evaluation of the central depressor effects of the ethanolic extract of the leaves of Synadenium umbellatum Pax. and its fractions in Swiss mice

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rodrigo Borges de Oliveira

    2008-09-01

    Full Text Available O Synadenium umbellatum Pax. (Euphorbiacea é uma planta nativa da África tropical conhecida como "cola-nota", "avelós", "cancerola", "milagrosa", dentre outros. A planta é utilizada pela população brasileira como detentora de propriedades antiinflamatória, analgésica, dentre outras. Foram avaliados os efeitos depressores sobre o sistema nervoso central (SNC do extrato etanólico das folhas de Synadenium umbellatum (EES e de suas frações - hexânica (FH, clorofórmica (FC e metanol/água (FM. Vários testes foram utilizados em camundongos machos albinos (Mus musculus, dentre eles, o sono induzido por barbitúrico, campo aberto e o teste do rota-rod. O EES foi testado nas doses de 25, 50 e 100 mg/kg, enquanto que a FH foi testada na dose de 10 mg/kg, a FC na dose de 20 mg/kg e a FM na dose de 25 mg/kg. O EES e as frações FH e FC, mas não a FM, apresentaram um possível efeito depressor sobre o SNC, visto que foram capazes de aumentar o tempo parado e diminuir o número de bolos fecais no campo aberto, além de potencializarem o sono induzido por barbitúrico. No teste do rota-rod, observou-se que o EES e as frações não foram capazes de causar incoordenação motora ou relaxamento muscular. Assim, conclui-se que o extrato etanólico e as frações FH e FC do Syandenium umbellatum Pax. possuem possível efeito depressor sobre o SNC.Synadenium umbellatum Pax. (Euphorbiacea is a native plant from tropical Africa known as "cola-nota", "avelós", "cancerola", "milagrosa", among others. The plant is used by Brazilian folks for having anti-inflammatory and analgesic properties, among others. It was evaluated the depressor effects over the central nervous system (CNS of the ethanolic extract of the leaves of Synadenium umbellatum (EES and its fractions - hexane (HF, chloroformic (CF and methanol/water fractions(MF. Several tests were used in Swiss mice (Mus musculus, among them, barbiturate-induced sleep, open field and rota-rod test. The

  10. Efeito do processamento na atividade antioxidante do grão de amaranto (Amaranthus cruentus L. BRS-Alegria)

    OpenAIRE

    Queiroz, Yara Severino de; Soares, Rosana Aparecida Manólio; Capriles, Vanessa Dias; Torres, Elizabeth Aparecida Ferraz da Silva; Áreas, José Alfredo Gomes

    2009-01-01

    As características nutricionais, funcionais e agrícolas do amaranto são responsáveis pelo aumento do interesse por este alimento nas últimas décadas. O grão pode ser cozido, estourado, torrado, extrusado ou moído para ser consumido. Foi avaliado o efeito destes processamentos na atividade antioxidante do grão de amaranto, através das determinações do teor de fenólicos totais e da atividade antioxidante in vitro por dois métodos: inibição da oxidação lipídica pelo sistema β-caroteno/ácido lino...

  11. Fenóis totais, atividade antioxidante e constituintes químicos de extratos de Anacardium occidentale L., Anacardiaceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Mariana H. Chaves

    Full Text Available O presente artigo relata o isolamento e identificação do palmitato, oleato e linoleato de sitosterila, sitosterol, estigmasterol, 3-O-β-D-galactopiranosídeo do sitosterol, 3-O-β-Dgalactopiranosídeo do estigmasterol, 3-O-β-D-glicopiranosídeo do sitosterol e uma mistura de ácidos anacárdicos (monoeno e dieno do extrato etanólico de cascas do caule de Anacardium occidentale L., Anacardiaceae, bem como do sitosterol, estigmasterol, lupeol, β-amirina, catequina e epicatequina do extrato etanólico do tegumento da castanha de caju in natura. Os extratos EtOH da casca e do tegumento foram avaliados quanto ao conteúdo de fenóis totais e atividade antioxidante. O extrato etanólico das cascas do caule apresentou maior conteúdo de compostos fenólicos e percentual de atividade antioxidante.

  12. Cinética de secagem de folhas de erva baleeira (Cordia verbenacea DC.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    A.L.D. Goneli

    2014-01-01

    Full Text Available O objetivo do presente trabalho foi avaliar a cinética de secagem das folhas de erva baleeira (Cordia verbenacea DC. bem como ajustar diferentes modelos matemáticos aos valores experimentais de razão de umidade. As folhas de erva baleeira foram colhidas com teor de água inicial de 75% b.u., sendo submetidas à secagem sob condições controladas de temperatura (40, 50, 60 e 70°C, até o teor de água aproximado de 10% b.u.. Aos dados experimentais foram ajustados oito modelos matemáticos citados na literatura específica e utilizados para a representação do processo de secagem de produtos agrícolas. Com base nos resultados obtidos pôde-se concluir que o modelo de Midilli é o que melhor representa a cinética de secagem das folhas de erva baleeira. O aumento da temperatura do ar de secagem promoveu maior taxa de remoção de água do produto. O coeficiente de difusão efetivo aumenta com a elevação da temperatura, sendo que sua relação com a temperatura de secagem pode ser descrita pela equação de Arrhenius. A energia de ativação para a difusão líquida durante a secagem das folhas de erva baleeira foi de 62,89 kJ mol-1 .

  13. AVALIAÇÃO DA ATIVIDADE ANTIOXIDANTE IN VITRO DOS CHÁS MATE E VERDE ANTES E APÓS A BIOTRANSFORMAÇÃO POR LIPASES

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Camila Morais Gonçalves da SILVA

    2012-12-01

    Full Text Available Os chás mate e verde, comuns na dieta brasileira, foram avaliados primeiramente quanto a sua composição: os polifenóis totais e os flavonóides totais das matrizes alimentares in natura foram quantificados por espectrofotometria, enquanto o perfil de composição foi analisado por espectrometria de massas (ESI-MS. Posteriormente, a atividade antioxidante foi avaliada por ensaios in vitro, antes e após a biotransformação enzimática por lipase de pâncreas de porco e lipase de Aspergillus niger comerciais, nas condições de reação estabelecidas pelo fabricante. Amostras dessas matrizes foram avaliadas por diferentes métodos: FRAP, DPPH, co-oxidação β-caroteno/ ácido linoléico, ORAC e a peroxidação lipídica foi avaliada pelo índice de TBARS. Subsequentemente foi realizada uma comparação entre o potencial antioxidante dos chás in natura, sem biotransformação, com os chás liofilizados também não biotransformados, a fim de avaliar se o processo de liofilização poderia comprometer a capacidade antioxidante da amostra, já que este poderia ser utilizado como método de conservação das amostras para futuros testes. A biotransformação enzimática aumentou a atividade antioxidante de ambos os chás, enquanto o processo de liofilização não promoveu alterações no potencial antioxidante das matrizes estudadas, quando comparadas as amostras in natura.

  14. Substâncias fenólicas, flavonoides e capacidade antioxidante em erveiras sob diferentes coberturas do solo e sombreamentos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    T.S. FERRERA

    Full Text Available RESUMO Objetivou neste trabalho analisar a concentração de polifenóis totais, flavonoides e capacidade antioxidantes por meio dos métodos ABTS e FRAP, em erveiras jovens cultivadas em solo coberto e com sombreamento. Mudas de erva-mate foram submetidas aos tratamentos com solos cobertos e desnudos em sombreamentos de 0, 18, 35 e 50%, após sete e onze meses de cultivo, verão e outono, respectivamente. Foram coletadas folhas maduras para realização dos extratos utilizados para as análises de compostos fenólicos por meio da reação de oxirredução com reagente de Folin-Ciocalteu, flavonoides por método colorimétrico e capacidade antioxidante por frente ao radical ABTS e poder de redução do ferro (FRAP. O teor de compostos fenólicos foi maior nos tratamentos com 35% de sombreamento em comparação ao grupo dos flavonoides e capacidade antioxidante, o que foi demonstrado pela correlação do sombreamento com estes parametros. No método FRAP a maior correlação demonstra que o outono é a melhor época de colheita por apresentar maior concentração de compostos fitoquímicos. Ficou evidente a influência positiva dos sombreamentos (35 e 50% no teor de compostos fenólicos e flavonoides relacionados à capacidade antioxidante e à qualidade da erva-mate para atender ao mercado consumidor.

  15. Dimensões lineares da folha e seu uso na determinação do perfil vertical foliar de gladíolo

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Natalia Teixeira Schwab

    2014-06-01

    Full Text Available O gladíolo, importante flor de corte, é uma planta herbácea e suas folhas apresentam formato de lança. Os objetivos do trabalho foram determinar um modelo matemático empírico que melhor estima a área da folha do gladíolo a partir de dimensões lineares e aplicar o modelo matemático para determinar o perfil vertical da área das folhas de diferentes posições na planta. Para isso foi realizado um experimento de campo em Santa Maria com quatro cultivares de gladíolo (Peter Pears, Rose Friendship, Jester e Amsterdã, sendo coletadas 50 folhas de cada cultivar, das quais mensuraram-se o comprimento (C e a maior largura (L. Em seguida, fotocopiou-se cada folha em um scanner, calculando-se a área individual (AF com auxílio de um software. A relação entre área e as dimensões das folhas foi ajustada no modelo potência e a capacidade preditiva das equações foi avaliada por várias estatísticas. Resultados indicam que o modelo AF = a (C.L é o mais indicado para a estimativa da área foliar em gladíolo, podendo-se utilizar a = 0,644 para as quatro cultivares testadas. As menores folhas estão nas posições basais e apicais e as maiores, na posição intermediária da planta.

  16. Religião, política e eleições na Folha Universal

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Danilo Rothberg

    2012-12-01

    Full Text Available A Folha Universal, jornal da Igreja Universal do Reino de Deus (Iurd, atinge tiragens semanais médias entre 2,5 e 3,5 milhões de exemplares. Estudos indicam que a Folha Universal não é meramente um jornal institucional. Ele se dedica com sistematização a se afirmar como fonte de informação política aos seus leitores, de maneira a projetar candidatos e mandatários que defendem as propostas da Iurd para a vida pública brasileira. Este artigo descreve resultados de estudo empírico sobre os enquadramentos construídos pela Folha Universal a respeito das demandas sociais, econômicas e políticas consideradas prioritárias à gestão pública pela Iurd em torno de cinco temáticas de análise: segurança pública; infância e adolescência; saúde; meio ambiente; política e economia. Os resultados indicam, como características da Folha Universal nos quatro meses anteriores às eleições de 2010, aspectos que se diferenciam daqueles apontados por estudos anteriores sobre o jornal. Antes presente nas páginas da Folha Universal como meio de busca por soluções para problemas sociais, a teologia da prosperidade foi substituída na amostra analisada pela formulação de políticas públicas.

  17. CLA ¿antioxidante o prooxidante?

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cruz Pardos, S.

    2000-08-01

    Full Text Available The conjugated linoleic acid (CLA is a term referred to a mixture of positional and geometrical isomers of linoleic acid with double conjugated bonds in carbon atoms 10 and 12 or 9 and 11 with all of the possible cis and trans combinations. CLA is a naturally occurring substance in food. The major dietary sources of CLA are foods derived from ruminants, e.g. beef and cheese and its content increases when meals are processed. There is ample evidence showing that free radicals and oxidation processes mediated by free radicals play an important role in many pathological situations including cancer and atherosclerosis. Natural and synthetic antioxidants, tolerated by humans, are employed in order to avoid or treat these pathologies. In the present paper, articles evaluating the antioxidant or prooxidant activity of CLA have been revised. Preliminary in vivo and in vitro studies suggested the antioxidant role for CLA, however recent researches have not shown any evidence related to it. New studies have to be carried out in order to get more information on the antioxidant and protective role of CLA in free radical-related degenerative diseases.Se define como conjugado dienoico derivado del ácido linoleico (CLA a una mezcla de isómeros posicionales y geométricos del ácido linoleico con dobles enlaces conjugados en los átomos de carbono 10 y 12 ó 9 y 11 con todas las posibles combinaciones cis y trans. El CLA se encuentra de forma natural en los alimentos, principalmente de origen animal y en particular en las carnes y productos lácteos de rumiantes, y su contenido aumenta por el cocinado o procesado. Actualmente se acepta que los radicales libres y los procesos de oxidación mediados por los mismos juegan un papel importante en muchas situaciones patológicas incluyendo cáncer y aterosclerosis. Por ello la búsqueda de antioxidantes naturales y sintéticos, tolerados por el organismo, que puedan ayudar a prevenir o tratar estas patologías es

  18. Actividad antioxidante de compuestos naturales nitrogenados

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maestro-Durán, R.

    1993-06-01

    Full Text Available As a continuation of the study of natural antioxidants, this third part deals with nitrogeneous compounds, classified in the following groups.

    Amino acids and proteins.
    Products of the Maillard reaction.
    Phospholipids (with choline or ethanolamine and their heating products.
    Riboflavin.
    Chlorophylls and porphyrins.
    Uric acid and derivatives.
    Their behaviour as inhibitors of the chain reaction of prooxidant radicals, by irreversible reaction or by sequestration of those radicals, as well as their synergistic action with primary antioxidants is discussed. Finally, the patents registered during the last years for these kind of compounds, their derivatives and synergists in food and other uses are cited.

    Continuando el estudio de los antioxidantes naturales, se incluyen en esta tercera parte los compuestos nitrogenados, clasificados en los siguientes grupos:
    Aminoácidos y proteínas.
    Productos de la reacción coloreada de Maillard.
    Fosfolípidos (con las bases colina y etanolamina y sus productos de calentamiento.
    Riboflavina.
    Clorofilas y porfirinas.
    Acido úrico y sus derivados.
    Se discute su comportamiento como inhibidores de la reacción en cadena de los radicales prooxidantes, por reacción irreversible o por secuestro de estos radicales, así como su acción sinergista con antioxidantes primarios. Finalmente, se citan las patentes registradas en los últimos años para estos tipos de compuestos, sus derivados y sinergistas, en productos alimentarios o en otros usos.

  19. EFEITO DE DIFERENTES TEMPOS DE COZIMENTO NOS TEORES DE FIBRAS ALIMENTARES EM FOLHAS DE BRÓCOLIS, COUVE-FLOR E COUVE (BRASSICA OLERACEA L.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Mônica Alessandra Teixeira dos SANTOS

    2009-07-01

    Full Text Available

    Foram determinados os teores de fibras alimentares (FDA, FDN, lignina e pectinas das folhas de brócolis e couve-flor e comparados aos teores encontrados nas tradicionais folhas de couve. Os materiais estudados foram cultivados no município de Ijaci MG, com o objetivo da utilização integral dessas hortaliças como fonte alternativa de fibras. As folhas foram submetidas a cocção por seis diferentes tempos (0, 2, 4, 6, 8 e 10 minutos. Acompanhando o comportamento das diversas frações da fibra no material úmido e após secagem. Os resultados mostraram que as folhas de couve-flor e brócolis superaram a couve comum, que apresentou teores superiores apenas na fração FDA do material seco. Os resultados revelaram que as folhas das hortaliças analisadas podem ser consideradas como boas fontes de fibras insolúveis, mas não contribuem significativamente com a porção solúvel.

  20. Constituintes químicos e atividade antioxidante de folhas e galhos de Eugenia copacabanensis Kiaersk (Myrtaceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Almir Ribeiro de Carvalho Junior

    2014-06-01

    Full Text Available Phytochemical investigation of Eugenia copacabanensis allowed for the isolation and identification of following compounds: β-sitosterol, β-sitosterol-glucoside, eight triterpenes, (mixture of α- and β-amyrins, ursolic acid, 30-hydroxy-ursolic acid, betulin, friedelin, friedelan-3,4-lactone, and taraxerol, a mixture of three sesquiterpenes, (clovandiol, globulol, and viridiflorol, three flavonoids (kaempferol-3-O-β-D-rhamnoside, quercetin-3-O-α-L-arabinoside, and quercetin, and a mixture of four coumaroyl esters (octacosanyl, heptacosanyl, hexacosanyl, and tetracosanyl coumarates. The structures of these compounds were assigned based on comparison with literature data and spectroscopic analysis, including analysis by two-dimensional NMR techniques. Total phenolic content and total flavonoids were evaluated. Antioxidant activities of methanol extracts and fractions were measured by the 1,2-diphenyl-2-picryl-hidrazyl free radical scavenging assay.

  1. Actividad antioxidante y perfil de ácidos grasos de las semillas de jabuticaba (Myrciaria cauliflora Berg)

    OpenAIRE

    Neuza Jorge

    2011-01-01

    Este trabajo tuvo como objetivo caracterizar las semillas de jabuticaba (Myrciaria cauliflora Berg) en cuanto a su composición proximal y potencial antioxidante y evaluar el perfil de ácidos grasos en el aceite extraído de las mismas. Para la obtención del extracto, las semillas deshidratadas y trituradas fueron extraídas con alcohol etílico por 30 minutos, en la proporción de 1:3 de semillas:alcohol etílico, bajo agitación continua, a temperatura ambiente. Seguidamente, la mezcla fue filtrad...

  2. Actividad antioxidante y perfil de ácidos grasos de las semillas de jabuticaba (myrciaria cauliflora berg)

    OpenAIRE

    Jorge, Neuza

    2011-01-01

    Este trabajo tuvo como objetivo caracterizar las semillas de jabuticaba (Myrciaria cauliflora Berg) en cuanto a su composición proximal y potencial antioxidante y evaluar el perfil de ácidos grasos en el aceite extraído de las mismas. Para la obtención del extracto, las semillas deshidratadas y trituradas fueron extraídas con alcohol etílico por 30 minutos, en la proporción de 1:3 de semillas:alcohol etílico, bajo agitación continua, a temperatura ambiente. Seguidamente, la mezcla fue filtrad...

  3. A POESIA DA RELVA E O DEVANEIO DE UMA FOLHA

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fernando Müller Krebs

    2014-11-01

    Full Text Available Este artigo busca evidenciar a importância do texto poético nos processos cognitivos, subjetivos e emocionais do leitor de poesia, tendo como base os conceitos fundamentais da fenomenologia proposta por Gaston Bachelard. Para isso, apresentamos o projeto “Encontros com a Poesia”, vinculado ao Grupo de Pesquisa Estudos Poéticos, e como se dá o processo de pesquisa e elaboração do material utilizado nas atividades; expomos alguns dos principais aspectos estudados no decorrer da leitura da obra-em-progresso Folhas de relva, do poeta norte-americano Walt Whitman; refletimos acerca do principal referencial teórico de nosso grupo de pesquisa e, ao final, incluímos um devaneio poético – texto de caráter pessoal – provocado por alguns poemas do bardo americano ao longo das leituras realizadas, a fim de exemplificar os fenômenos descritos pelo filósofo francês.

  4. Anatomia comparada das folhas e evolução das Podocarpineae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ph Woltz

    1987-07-01

    Full Text Available En las Podocarpineae actualmente se conocen 184 espécies, de las cuales 120 han sido estudiadas en la anatomia comparada de la hoja. Es propuesto el siguiente sistema evolutivo: en muchos phyla diferentes, evolucionando de manera paralela, un tipo ancestral de hoja corta uninervada, provisto abundantemente de sub-epidermis y de canales resiníferos, pasaría por transformaciones sucesivas a tipos con hojas largas, anchas, uninervadas a pluri-nervadas, con sub-epidermis reducida y canales resiníferos poco numerosos. A veces, en la culminación de phylum, una sobre-evolución conduce a un falso retorno ancestral: hoja corta o en escamas carnosas y multiplicación tardia de los canales separados en el mesófilo. Como en el caso de la evolucion vascular de las plantas cotiladas (WOLTZ, 1986, existe un paralelismo notable entre la anatomia foliar y la latitud geográfica, lo que parece sugerir el origen más antiguo de los taxa más australes.

  5. Estudo fitoquímico e análise mutagênica das folhas e inflorescências de Erythrina mulungu (Mart. ex Benth. através do teste de micronúcleo em roedores Phytochemical and mutagenic analysis of leaves and inflorescences of Erythrina mulungu (Mart. Ex Benth through micronucleus test in rodents

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    A.P De Bona

    2012-01-01

    Full Text Available Este trabalho teve como objetivo investigar a composição química, estabelecer a dose letal média (DL50 e avaliar os potenciais efeitos mutagênicos do extrato hidroalcoólico de folhas e inflorescências de Erythrina mulungu Mart. ex Benth por meio do teste de micronúcleo em medula óssea de camundongos. Os ensaios fitoquímicos foram realizados através de reações preliminares com mudança de coloração e/ou formação de precipitado; a DL50, por meio da administração intraperitoneal de três concentrações dos extratos, avaliando-se o número de óbitos após 48 horas e o teste de micronúcleo foi feito por meio do método do esfregaço, após exposição dos animais a cinco dias de tratamento. Os resultados fitoquímicos demonstraram presença de açúcares redutores, fenóis e taninos, proteínas e aminoácidos, flavonóides, alcalóides, depsídeos e depsidonas e derivados de cumarina em ambos os órgãos; saponinas espumídicas e esteróides e triterpenóides nas folhas e glicosídeos cardiotônicos e antraquinônicos e alcalóides nas inflorescências. Para a DL50 a folha demonstrou-se atóxica e a inflorescência moderadamente tóxica. Para o teste de micronúcleo, os resultados indicaram ausência de citotoxicidade e genotoxicidade dose-dependente para as folhas e independente da dose para as inflorescências. Assim, esses resultados sugerem que a planta, nas condições analisadas, possui potencial para induzir danos ao DNA.This study aimed to investigate the chemical composition, to establish the mean lethal dose (LD50 and to assess the potential mutagenic effects of hydroalcoholic extract of leaves and inflorescences of Erythrina mulungu Mart. ex Benth by using micronucleus test in bone marrow of mice. Phytochemical assays were carried out through preliminary reactions with color change and/or precipitate formation; the LD50 was obtained by intraperitoneal administration of three concentrations of the extracts, assessing

  6. Composição química e valor nutricional para grandes herbívoros das folhas e frutos de aninga (Montrichardia linifera, Araceae Chemical composition and nutritional value of leaves and fruits of aninga (Montrichardia linifera, Araceae for large herbivores

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cristine Bastos do Amarante

    2010-12-01

    Full Text Available Montrichardia linifera (Araceae, conhecida popularmente como 'aninga', faz parte dos ecossistemas de várzea da Amazônia e da dieta natural de animais como peixe-boi, tartarugas, peixes, búfalo e gado. Com o objetivo de contribuir para o conhecimento químico e valor nutricional da mesma, folhas e frutos de M. linifera foram coletados às margens dos rios Guamá e Maratauíra, no Estado do Pará, Brasil. Em folhas e frutos foram realizadas análises de umidade, resíduo mineral fixo (cinzas, lipídios, proteínas, fibra bruta, concentração de carboidratos e valor calórico. A composição mineral (Ca, Mg, Cu, Fe, Zn e Mn foi obtida por espectrometria de absorção atômica de chama. Observou-se que tanto as folhas quanto os frutos da aninga, apesar de calóricos (289,75 kcal e 355,12 kcal, respectivamente, possuem baixo valor protéico (0,44% e 0,24 %, respectivamente. As concentrações de manganês obtidas (folha = 3279,46 mg kg-1e fruto = 18151,53 mg kg-1 foram consideradas tóxicas, extrapolando o limite máximo tolerável para ruminantes (1000 mg kg-1. A M. linifera, tem capacidade de absorver e bioacumular grandes quantidades de Ca, Mg e Mn presentes no solo, o que torna inadequada a sua utilização exclusiva na alimentação de quelônios, bovinos e bubalinos, havendo necessidade de mais estudos para sua aplicação como parte da ração.The aninga (Montrichardia linifera, Araceae is often found in the floodplain ecosystems of the Amazon and is the natural diet of animals such as manatees, turtles, fish, buffalo and cattle. Aiming to contribute to the chemical knowledge and nutritional value of this plant, leaves and fruits of M. linifera were collected on the banks of the Guama and Maratauira rivers, Para State, Brazil. We determined the moisture content, ash mineral composition, lipids, protein, fiber, carbohydrate and caloric value of the fruits and leaves. The mineral composition (Ca, Mg, Cu, Fe, Zn and Mn was obtained by flame

  7. Enzymatic antioxidant responses to biostimulants in maize and soybean subjected to drought Respostas de enzimas antioxidantes a bioestimulantes em plantas de milho e de soja sob estresse hídrico

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ana Carolina Feitosa de Vasconcelos

    2009-06-01

    Full Text Available Water stress is one of the most important environmental factors inducing physiological changes in plants, such as decrease in the water potential of the cells, the stomatal closure; and the development of oxidative processes mediated by reactive oxygen species (ROS. Antioxidant enzymes superoxide dismutase (SOD, catalase (CAT, and ascorbate peroxidase (APX are efficient scavengers of ROS. The aim of this research was to examine how the application of biostimulant based on humic substances and aminoacids may affect activity levels of SOD, CAT, and APX of maize and soybean plants under well-watered or drought stress conditions. Pots (4.5 L were filled with a Typic Hapludult soil where the biostimulants doses were applied. It was taken leaf samples in order to analyze SOD, CAT, and APX activities in plants. SOD and APX activity levels were increased by application of biostimulant 1 in maize subjected to stress. Catalase activity was not enhanced in plants by using the biostimulants. The composition of the biostimulants was not able to enhance stress tolerance in maize and soybean plants subjected to water stress.O estresse hídrico é um dos mais importantes fatores ambientais que induz mudanças fisiológicas, como diminuição do potencial de água na célula, o fechamento dos estômatos e o desenvolvimento de processos oxidativos mediante a formação das espécies reativas de oxigênio (ROS. As enzimas antioxidantes superóxido dismutase (SOD, catalase (CAT e ascorbato peroxidase (APX são eficientes eliminadores das ROS. O objetivo deste estudo foi examinar como a aplicação de bioestimulantes com substâncias húmicas e aminoácidos em sua composição afeta os níveis de SOD, CAT e APX nos tecidos das folhas de plantas de milho e de soja cultivadas com ou sem estresse hídrico. Amostras de um Argissolo foram colocadas em vasos (4,5 L onde foram adicionadas as doses dos bioestimulantes. Foram retiradas amostras de folhas para análise da

  8. ANTIOXIDANTES EM ALIMENTOS: INFORMAÇÕES ROTULARES

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Vânia Thais Silva Gomes

    2017-03-01

    Full Text Available Neste trabalho foram avaliados dez tipos de alimentos industrializados na cidade de Caxias-MA, sendo analisadas três unidades de cada tipo de alimento, com a finalidade de identificar nos rótulos dos respectivos alimentos os antioxidantes neles presentes e classificá-los pela sua funcionalidade, verificou-se também as RDC`s quanto esse tipo de informação. Foram identificados treze tipos de antioxidantes, destes, cinco estavam em desacordo com a RDC 259/02 por não apresentarem seus nomes completos ou não estavam lista de ingredientes. Em dois tipos de alimentos nenhum antioxidante foi relacionado. Portanto torna-se evidente a necessidade deste tipo de informação para prevenção e manutenção da saúde da população.

  9. Photojournalism: the assaults of PCC in the pages of Folha and the Estadão Fotojornalismo: os ataques do PCC nas páginas da Folha e do Estadão

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Paulo Cesar Boni

    2007-01-01

    Full Text Available This article addresses the photojournalistic coverage carried out by Folha de S.Paulo and O Estado de S. Paulo during the assaults of the First Command in the Capital (PCC in May 2006. The methods used here were those of technical deconstruction - to analyze the elements of photographic language in the construction of the message – and comparative analysis - to check the creation of meaning in those messages. Through these methodological procedures, it is inferred that Folha adopted a more sensationalistic feature with spectacularization of those images than Estadão, which adopted a more neutral and realistic posture in the view of the facts. Esse artigo aborda a cobertura fotojornalística realizada pela Folha de S.Paulo e pelo O Estado de S. Paulo durante os ataques do Primeiro Comando da Capital (PCC em maio de 2006. Os métodos utilizados foram o da desconstrução técnica – para análise dos elementos da linguagem fotográfica na construção da mensagem – e análise comparativa – para aferir a geração de sentido nas mensagens. Por esses procedimentos metodológicos, conclui que Folha assumiu um caráter mais sensacionalista, com espetacularização das imagens que o Estadão, que adotou uma postura mais neutra e realista diante dos fatos.

  10. Antioxidantes de origen vegetal. Efecto sobre el envejecimiento

    OpenAIRE

    Descalzo Perea, Virginia

    2016-01-01

    Este trabajo consiste en una revisión bibliográfica sobre diferentes tipos de antioxidantes de origen vegetal que podemos encontrar en los alimentos, así como sus características y efectos principales. Los radicales libres más frecuentes son los derivados del oxígeno y se producen como consecuencia de las reacciones de oxidación, que constituyen una parte esencial del metabolismo. Cuando la producción de radicales libres excede a la defensa antioxidante se da un desequilibrio y, como consecue...

  11. Estudo morfoanatômico preliminar do caule e da folha de Acanthospermum australe (Loefl. Kuntze (Asteraceae-Heliantheae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Lúcia R. Rocha Martins

    Full Text Available Descrições morfoanatômicas preliminares do caule e da folha de Acanthospermum australe (Loefl. Kuntze foram realizadas a partir de material vegetal fresco e fixado. Secções transversais e paradérmicas, coradas com safranina/azul de astra e azul de toluidina foram analisadas ao microscópio. As superfícies do caule e da folha foram observadas através de microscopia eletrônica de varredura. A. australe apresenta, tanto no caule quanto na folha, tricomas tectores pluricelulares, unisseriados e de extremidades afiladas, e glandulares discóides, com pedúnculo curto unicelular, no qual se prendem cinco séries de células. A folha é anfiestomática e os estômatos são do tipo anomocítico, levemente proeminentes em relação ao nível das demais células epidérmicas. O caule apresenta crescimento secundário inicial, destacando-se os ductos secretores no parênquima cortical e medular.

  12. Trocas gasosas, características das folhas e crescimento de plantas jovens de Cupania vernalis Camb. submetidas a diferentes níveis de sombreamento Gas exchange and initial growth of young leaves of Cupania vernalis camb. submitted to different shading levels

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Érico de Castro Lima Junior

    2005-10-01

    Full Text Available Cupania vernalis Camb. é uma espécie arbórea pertencente à família sapindaceae, conhecida popularmente como camboatá, camboatã. É uma espécie de grande importância pelo seu uso em plantios mistos destinados à recuperação de áreas degradadas e preservação permanente. Este estudo teve como objetivo básico caracterizar o desempenho ecofisiológico desta espécie sob condições de viveiro. Avaliou-se o efeito de quatro níveis de irradiância (Pleno sol, 30%, 50% e 70% de sombreamento sobre as trocas gasosas, concentração de nitrogênio, clorofilas foliares e crescimento de plantas jovens de Cupania vernalis. As plantas submetidas a 50% de sombreamento acumularam maior massa seca de folha, caule e massa seca total em comparação com as cultivadas a pleno sol, não sendo observada diferença quanto à massa seca de raízes. A maior taxa fotossintética e condutância estomática foram observadas em folhas de plantas crescidas sob pleno sol e 30% de sombreamento. Plantas sob condições mais sombreadas apresentaram teores mais elevados tanto de clorofilas quanto de nitrogênio nas folhas. Fato semelhante ocorreu com outras características como altura, diâmetro de caule e área foliar. Essas últimas características constituem fatores determinantes da qualidade de mudas. Os resultados possibilitaram concluir que as mudas desta espécie devem ser formadas sob condições de viveiro com sombreamento de 50% ou 70% para que se obtenham mudas de melhor qualidade.Cupania vernalis Camb. is an arboreal species belonging to the sapindaceae family, known popularly as "Camboatá", "Camboatã". This species has great economical importance by its use in mixed plantings trying to recovery permanent degraded and preservation areas. This study aimed, basically, at characterizing the ecophysiological aspects of this species under nursery conditions. The effect of four levels of irradiance (Full sunshine, 30%, 50% and 70% of shading on the gas

  13. Estudo da cadeia de transporte de elétrons fotossintético em folhas destacadas de ervilha

    OpenAIRE

    Farias, Márcio Espinosa de

    2014-01-01

    A fotossíntese exerce um papel fundamental para os processos de crescimento e desenvolvimento das plantas. Ela ocorre nos cloroplastos das células do mesofilo foliar e consiste de duas etapas, uma fase fotoquímica, que converte energia luminosa em energia química e outra fase bioquímica, que utiliza a energia da primeira etapa pra a fixação do CO2. O trabalho teve como objetivo avaliar, em folhas destacadas de ervilha (Pisum sativum L.), o comportamento da cadeia de transporte de elétro...

  14. Atividade antimicrobiana, antioxidante e teor de compostos fenólicos em casca e amêndoa de frutos de manga

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Kettelin Aparecida Arbos

    2013-04-01

    Full Text Available O processamento industrial de frutos de manga gera elevada quantidade de resíduos agroindustriais, representados pelas cascas e sementes (amêndoa, os quais, sem aplicação viável, acabam sendo descartados diretamente no meio ambiente. Esses resíduos são ricos em compostos bioativos, amplamente reconhecidos pelas suas propriedades promotoras da saúde e em aplicações tecnológicas. Os objetivos foram avaliar as atividades antimicrobiana e antioxidante e o teor de compostos fenólicos de dois extratos: um obtido da casca (FC e outro da amêndoa (FA de manga variedade 'Tommy Atkins'. O teor de compostos fenólicos totais variou de 3.123 a 6.644 mg de catequina/100 g. Os extratos FC e FA demonstraram relevante atividade antimicrobiana frente às cepas das bactérias Escherichia coli, Salmonella sp., Pseudomonas aeruginosa . Staphylococcus aureus, determinadas pelo método de difusão em disco. A ação antioxidante de FC e FA aumentou com o aumento das concentrações testadas, atingindo o valor máximo de 88% (FC. Em todas as concentrações testadas os extratos FC apresentaram ação antioxidante significativamente superior às respectivas concentrações dos extratos FA. Esses resultados sugerem potencial aplicação dos resíduos de manga como fonte de compostos fenólicos, substâncias antimicrobianas e antioxidantes, podendo ser explorados pelas indústrias de alimentos.

  15. Actividad antioxidante de los compuestos fenólicos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maestro Durán, R.

    1993-04-01

    Full Text Available This review deals with the oxidation processes induced by light and atmospheric oxygen, as well as the protective action on antioxidant compounds. The available data on the synthetic antioxidants and the problems associated to their use, together with the presence of natural phenolic antioxidants in plants, have been revised. These phenolic antioxidants have been classified in families: phenolic alcohols and acids, cinnamic acids, coumarins, favonoids (flavones and isoflavones, flavonols, flavanones and other phenolic compounds.

    Este trabajo recoge los estudios sobre los mecanismos de oxidación producida por la luz y el oxígeno del aire y sobre la protección de los compuestos antioxidantes contra esta oxidación. Se han revisado los datos existentes sobre los inconvenientes de los antioxidantes sintéticos, que aconsejan sustituirlos por otros naturales y sobre la presencia de antioxidantes naturales de carácter fenólico en las plantas. Los antioxidantes fenólicos se han agrupado por familias: alcoholes y ácidos fenólicos, ácidos cinámicos, cumarinas, flavonoides (flavonas e isoflavonas, flavonoles, flavanonas y otros compuestos fenólicos.

  16. Cinética de secagem e difusividade efetiva em folhas de jenipapo (Genipa americana L.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    L.A. SILVA

    2015-01-01

    Full Text Available RESUMO O jenipapo (Genipa americana L. é uma espécie nativa com importância medicinal, sendo amplamente utilizada no Brasil. Em função da necessidade de conhecimento à cerca do pré-processamento desta espécie, este trabalho foi desenvolvido com o objetivo de avaliar a cinética de secagem de folhas de jenipapo (G. americana L., bem como determinar a difusividade efetiva da água durante o processo. As folhas foram coletadas com teor de água inicial de 2,30±0,05 (decimal b.s., e submetidas à secagem em três condições de temperatura do ar (35,3; 46,0 e 65,0°C até atingirem o teor de água de equilíbrio. Aos dados experimentais, ajustaram-se doze modelos matemáticos, recomendados para representar o processo de secagem de produtos agrícolas. As magnitudes do coeficiente de determinação (R2, do erro médio relativo (P, do erro médio estimado (SE e do teste do qui-quadrado (χ2, foram utilizadas para verificar o grau de ajuste dos modelos. Os modelos de Henderson e Pabis modificado e Midilli apresentaram ajustes adequados aos dados experimentais, sendo o modelo de Midilli, em função de sua simplicidade, escolhido para representar a cinética de secagem das folhas de jenipapo. Aumentando a temperatura do ar de secagem de 35,3 para 46,0 e 65,0ºC houve redução no tempo de secagem das folhas de jenipapo de 91,1 para 62,5 e 24,2 horas, respectivamente. O coeficiente de difusão efetivo aumenta com a elevação da temperatura, e esta relação é descrita pela equação de Arrhenius, que apresenta energia de ativação para a difusão líquida de 33,9 kJ mol-1.

  17. Intoxicação experimental por folhas de Crotalaria pallida (mucronata em ovinos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Vanessa Borelli

    Full Text Available RESUMO: Descrevem-se o quadro clínico, patológico e o potencial tóxico das folhas verdes de Crotalaria pallida em ovinos. Para o experimento folhas verdes de C. pallida foram coletadas no município de São João do Sul em Santa Catarina e administradas por via oral para seis ovinos adultos, em doses únicas de 40, 20, 10, 5, 2,5 e 2,5g/kg, e para dois ovinos, em doses diárias de 0,63 e 1,25g/kg durante 30 dias. Reproduziu-se a intoxicação com doses letais a partir de 2,5g/kg. Um dos ovinos que recebeu a dose única de 2,5g/kg e os que receberam as doses diárias, não adoeceram. Todos os ovinos que apresentaram sinais clínicos morreram entre 13 e 22 horas após a administração das folhas. Sinais clínicos leves como fezes pastosas, inquietação e aumento das frequências cardíaca e respiratória tiveram início cerca em 11 horas após a ingestão da planta. Minutos antes da morte observaram-se dispneia intensa com respiração abdominal pronunciada. As principais lesões macroscópicas foram restritas à cavidade torácica, como hidrotórax e edema pulmonar acentuado. O exame microscópico revelou no pulmão, edema acentuado e difuso na superfície pleural, nos espaços interlobulares e ao redor das artérias peribronquiais e peribronquiolares. Edema multifocal foi observado no interior de alvéolos e ao redor de brônquios e bronquíolos, além de leve infiltrado neutrofílico multifocal. O quadro clínico-patológico da intoxicação experimental foi similar ao observado na intoxicação espontânea e caracterizou-se por edema iulmonar acentuado e morte logo após o início dos sinais clínicos.

  18. Determinação da atividade antioxidante e do teor total de polifenol em amostras de chá de ervas comercializadas em sachets

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Tieme Nakamura

    2013-05-01

    Full Text Available Objetivo: Os chás de ervas são tradicionalmente utilizados na medicina popular em muitas regiões do Brasil. Os chás contêm compostos antioxidantes que combatem o stress oxidativo e seu consumo tem sido associado à diminuição dos níveis de colesterol, pressão arterial e até de doenças cardiovasculares. O objetivo deste estudo foi determinar a capacidade antioxidante total, o teor total de polifenóis, o consumo (scavenging de H2O2 e a presença de outros grupos de compostos antioxidantes em 43 amostras de chás em sachets. Métodos: O método CUPRAC (cupric ion reducing antioxidant capacity foi utilizado para determinar a capacidade antioxidante total. O teor total de polifenóis foi obtido com o uso do reagente de Folin-Ciocalteu; o ensaio de scavenging baseou-se no consumo de solução de H2O2 após adição do chá; e a presença de flavonóides, carotenos e catequinas foi investigada por cromatografia em papel. Resultados: A capacidade antioxidante total nas amostras analisadas seguiu a ordem: camomila > hortelã > carqueja > cidreira > boldo > verde > mate > preto > branco > erva doce. O teor total de polifenóis obedeceu à sequência: branco > hortelã > preto > mate > boldo > verde > camomila > carqueja > cidreira > erva doce. As divergências encontradas entre as amostras de um mesmo grupo de chá podem ser atribuídas à época da colheita, ao tipo de solo, local de plantio, variações climáticas e partes da planta utilizadas na elaboração dos sachets. Conclusão: Concluise que todas as amostras analisadas apresentaram capacidade antioxidante e consumo de H2O2. Em apenas uma delas não foi possível detectar flavonóides, carotenos ou catequinas.

  19. Actividad antioxidante de extractos de diez basidiomicetos comestibles en Guatemala

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Karen Belloso

    2015-11-01

    Full Text Available Los antioxidantes son esenciales en el cuerpo humano para prevenir el daño oxidativo. Estas substancias pueden obtenerse de diversas fuentes como frutas, plantas y hongos. En Guatemala, diversas especies de hongos comestibles son comercializadas y consumidas, sin embargo su actividad antioxidante no ha sido documentada en el país. El objetivo de este estudio fue determinar la actividad antioxidante de extractos acuosos y etanólicos obtenidos de diez especies de basidiomicetos comestibles (Agaricus aff. bisporus, Agaricus brunnescens, Armillariella polymyces, Amanita garabitoana, Boletus edulis, Cantharellus lateritius, Laccaria amethystina, Lactarius deliciosus, Neolentinus ponderosus y Pleurotus ostreatus. Se utilizó un método cualitativo por cromatografía en capa fina (CCF y tres ensayos macrométricos in vitro de cuantificación de fenoles totales, reducción del radical 1,1-difenil-2-pricrilhidrazilo (DPPH y decoloración del radical catiónico del reactivo ácido 2,2’-azinobis-(acido-3-etilbenzotiazolina-6-sulfónico (ABTS. Los extractos acuosos mostraron mayor actividad antioxidante que los extractos etanólicos en todas las técnicas cuantitativas realizadas. La especie que mostró mayor actividad antioxidante en ambos extractos fue B. edulis, cuyos resultados fueron: fenoles totales del extracto acuoso 93.46 ± 18.17 mg/g y 42.70 ± 3.48 mg/g, DPPH CI50 del extracto acuoso 0.93 mg/mL (IC95 0.65-1.28 y 2.75 mg/mL (IC95 2.46-3.07 del extracto etanólico; y en ABTS CI50 del extracto acuoso 0.96 mg/mL (IC95 0.63-1.35 y 4.13 mg/mL (IC95 2.67-5.88 del extracto etanólico. Por la actividad antioxidante de los extractos acuosos de algunas de las especies de basidiomicetos, pueden promoverse como alimentos funcionales.

  20. Dissimilaridade de porta-enxertos da laranjeira 'folha murcha' sob dois sistemas de manejo de cobertura permanente do solo Divergence of 'folha murcha' orange tree rootstocks as influenced by two groundcover crops

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Jonez Fidalski

    2007-04-01

    Full Text Available Os porta-enxertos de citros são dependentes do sistema de manejo do solo nas entrelinhas. Este trabalho foi realizado com o objetivo de identificar a dissimilaridade de sete porta-enxertos para a laranjeira 'Folha Murcha' em dois sistemas de manejo da cobertura de um Argissolo Vermelho distrófico latossólico. O estudo foi realizado na Estação Experimental do IAPAR, em Paranavaí. O delineamento experimental foi de blocos ao acaso com quatro repetições, com gramínea mato-grosso ou batatais (Paspalum notatum Flügge em três blocos e leguminosa amendoim forrageiro (Arachis pintoi Krap. & Greg. em um bloco. A produção, o desenvolvimento vegetativo e os nutrientes nas folhas da laranjeira 'Folha Murcha' foram avaliados anualmente (1997 a 2002. As análises multivariadas basearam-se nas variáveis canônicas e nos componentes principais, agrupando-os pelo método Tocher. O manejo da cobertura do solo com a leguminosa amendoim forrageiro Arachis pintoi diminui a dissimilaridade dos grupos de porta-enxertos da laranjeira 'Folha Murcha'. O manejo da cobertura do solo com a gramínea Paspalum notatum aumenta a dissimilaridade dos grupos de porta-enxertos da laranjeira 'Folha Murcha' com a inclusão dos teores dos nutrientes foliares, da produção de frutos e do desenvolvimento vegetativo das plantas. A gramínea Paspalum notatum é o melhor sistema de manejo da cobertura do solo para avaliação do comportamento de porta-enxertos da laranjeira 'Folha Murcha'.Citurs rootstocks are dependent of the growdcover management systems. This study aimed to identify the divergences of seven rootstocks for 'Folha Murcha' sweet orange trees in two groundcover management systems on a Paleudult. The study was performed at the IAPAR research station, in Paranavai, northwestern Paraná, Brazil. The experiment was in a complete random block design with threer replications for the bahiagrass (Paspalum notatum Flügge groundcover treatment and one replication for

  1. EPIDEMIOLOGICAL ASPECTS OF LEAF BLIGHT OF CARROT (Daucus carota L. CAUSED BY Alternaria dauci (KÜHN GROVES & SKOLKO: SURVIVAL OF Alternaria dauci IN VEGETAL RESIDUES OF CARROT (Daucus carota L. CROP ASPECTOS EPIDEMIOLÓGICOS DA QUEIMA DAS FOLHAS DA CENOURA (Daucus carota L. CAUSADA POR Alternaria dauci (Kühn GROVES & SKOLKO: Sobrevivência de Alternaria dauci (Kühn Groves & SKOLKO em restos culturais da cenoura (Daucus carota L.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Geraldo Martins Chaves

    2007-09-01

    Full Text Available

    The spore viability of Alternaria dauci (Kühn Groves & Skolko in carrot (Daucus carota L. debris which were kept at different levels of temperature and relative humidity, without light, was studied. The temperature levels tested were 8, 16, 24 and 32°C, and the relative humidity levels 3, 18, 51, 73 and 100%. The treatments were different combinations of these levels. Humidity was the more important factor in preserving the fungus spore ability to germinate and its infectivity. Under conditions of high relative humidity and temperatures of 24 and 32°C, the spores rapidly lost their viability. This did not happen when the relative humidity was equal to, or below, 51%. The survival of fungus mycelium on carrot petioles was studied in non-treated organic soil, at different humidity levels, at three different depths, during a period of 120 days. Soil humidity was the factor of major significance in the persistence of the mycelium, followed by depths and time factors. In petioles kept at depths of 10 and 20 cm in humid soil, the survival was greatly reduced, while survival was markedly higher in those kept at the surface of dry soil. The effect of humidity on the viability of mycelium was studied also under soiless condition. Petioles were maintained in relative humidity controlled chamber, at 24°C. In saturated atmosphere (100% humidity, the mycelium viability was lost in less than 20 days. It was concluded that both, the conidial and mycelial form of Alternaria dauci are quite sensitive to high humidity levels.

    Estudou-se a sobrevivência das formas conidial e miceliana de Alternaria dauci, respectivamente, sobre folhas necrosadas e pecíolos de cenoura, sob diferentes condições mesológicas. Os esporos do fungo sobre conidióforos em folhas necrosadas de cenoura foram mantidos por 120 dias sob condi

  2. Produtividade de laranjeira Folha Murcha enxertada em limoeiro Cravo sob adensamento de plantio

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fernando Alves Azevedo

    2015-06-01

    Full Text Available A citricultura brasileira passa por mudanças no padrão tecnológico, destacando-se o adensamento dos plantios. Dentro desse contexto, implantou-se em 1982 experimento para avaliação de cinco espaçamentos entre plantas (2,0; 3,0; 4,0; 5,0 e 6,0 metros para laranjeira Folha Murcha, enxertada em limoeiro Cravo. O ensaio foi conduzido sem irrigação, fixando-se o espaçamento entrelinhas em 6,5 metros. Em complementação aos dados obtidos entre os anos de implantação e estabilização do pomar (1982 a 1993, são apresentados e discutidos neste trabalho resultados de avaliações realizadas do 12.o ao 22.º ano de cultivo (1994 a 2004. Calculou-se volume de copa a partir dos dados de altura e diâmetro das plantas, em 1995. Além disso, avaliou-se a produção de frutos por planta, produção acumulada e projeção da produtividade média (t ha–1 para cada espaçamento proposto. No espaçamento mais adensado (6,5×2,0 m, as plantas apresentaram menor volume de copa; em contrapartida, maior produtividade da laranjeira Folha Murcha foi observada nesse tratamento. Houve queda de produção nos anos mais avançados de cultivo, independentemente da densidade de plantio. O espaçamento 6,5×2,0 acarreta alta produtividade para laranjeira Folha Murcha, tornando a técnica do adensamento apta à adoção pelo citricultor.

  3. Atividade antioxidante e antimicrobiana de Calceolaria chelidonioides Humb. Bonpl. & Kunth.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Deborah Q. Falcão

    Full Text Available A espécie Calceolaria chelidonioides (Scrophulariaceae, até então inédita nas citações científicas, foi estudada sob o ponto de vista farmacológico buscando-se identificar possíveis atividades antimicrobiana e antioxidante em metodologia in vitro. As partes aéreas dessa espécie demonstraram atividade antioxidante em modelo usando o radical livre DPPH. As flores de C. chelidonioides mostraram grande potencial antibacteriano frente à bactéria Staphylococcus aureus resistente a meticilina MRSA, um dos principais responsáveis em casos de infecção hospitalar.

  4. Actividad antioxidante y perfil de ácidos grasos de las semillas de jabuticaba (Myrciaria cauliflora Berg

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Neuza Jorge

    2011-05-01

    Full Text Available Este trabajo tuvo como objetivo caracterizar las semillas de jabuticaba (Myrciaria cauliflora Berg en cuanto a su composición proximal y potencial antioxidante y evaluar el perfil de ácidos grasos en el aceite extraído de las mismas. Para la obtención del extracto, las semillas deshidratadas y trituradas fueron extraídas con alcohol etílico por 30 minutos, en la proporción de 1:3 de semillas:alcohol etílico, bajo agitación continua, a temperatura ambiente. Seguidamente, la mezcla fue filtrada y el sobrenadante fue deshidratado a 40oC con la finalidad de determinar, por pesaje directo, el rendimiento en materia seca del extracto. De acuerdo con los resultados obtenidos, las semillas de jabuticaba mostraron ser una importante fuente de carbohidratos totales, además presentaron una relevante actividad antioxidante. El aceite de jabuticaba presentó porcentaje significativa de ácidos grasos poliinsaturados, con predominancia del ácido linoleico y α-linolénico, ácidos grasos esenciales.

  5. Vitamina C, carotenoides, fenólicos totais e atividade antioxidante de goiaba, manga e mamão procedentes da Ceasa do Estado de Minas Gerais = Vitamin C, carotenoids, phenolic compounds and antioxidant activity of guava, mango and papaya from Ceasa of Minas Gerais State

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Daniela da Silva Oliveira

    2011-01-01

    Full Text Available Este estudo teve como objetivo analisar o conteudo de compostos antioxidantes (acido ascorbico - AA, acido desidroascorbico - ADA, vitamina C total, licopeno, £]-caroteno, £]-criptoxantina e estimativa de compostos fenolicos e avaliar a atividade antioxidante, em goiaba, manga e mamao. A analise de carotenoides e vitamina C foi realizada por Cromatografia Liquida de Alta Eficiencia (CLAE. O teor de fenolicos totais foi determinado utilizando o reagente de Folin-Ciocalteu e leitura espectrofotometrica. A atividade antioxidante foi avaliada pelo Teste do 2,2-diphenil-2-picril-hidrazil (DPPH¡E e do Poder Redutor. A Anova (ƒÑ = 0,05 foi utilizada para a analise dos dados. Os teores dos constituintes antioxidantes diferiram entre as tres frutas, mas a goiaba foi a fruta que apresentou teores mais elevados de compostos fenolicos, vitamina C total, ADA e licopeno, alem dos maiores valores para atividade antioxidante. Foi constatada forte correlacao entre os testes que avaliaram a atividade antioxidante e o teor de fenolicos totais, demonstrando serem estes os principais compostos antioxidantes a contribuirem para a atividade antioxidante das frutas analisadas, em ambos os testes. E importante incentivar a utilizacao das frutas avaliadas neste estudo, tanto em nivel domestico quanto em estabelecimentos de alimentacao coletiva para aumentar o consumo de antioxidantes naturais pela populacao.This study aimed to analyze the content of antioxidant compounds (ascorbic acid - AA, dehydroascorbic acid - DHA, total vitamin C, lycopene, £]-carotene, £]-cryptoxanthin and phenolic compounds and to evaluate the antioxidant activity in guava, mango and papaya.The analysis of carotenoids and vitamin C was performed by high performance liquid chromatography (HPLC. The content of phenolic compounds was determined using the Folin-Ciocalteu reagent and spectrophotometric reading. Antioxidant activity was evaluated by testing the 2.2-diphenyl-2-picryl

  6. Estimativa da área de folhas de cultivares antigas e modernas de soja por método não destrutivo

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Gean Leonardo Richter

    2014-12-01

    Full Text Available O objetivo do trabalho foi determinar um modelo matemático empírico que estime a área de folhas em cultivares de soja a partir de dimensões lineares da folha, com ênfase para cultivares modernas e recentemente em uso por agricultores no Rio Grande do Sul. Para isso, foi realizado um experimento de campo em Santa Maria com 13 cultivares (NS 4823 RR, BMX Energia RR, Igra RA 518 RR, BMX Turbo RR, NA 5909 RG, TMG 7161 RR Inox, TEC 5936IPRO, IAS 5, BMX Potência RR, Fepagro 36 RR, BRS 246 RR, Bragg e CD 219 RR durante três anos agrícolas (2010/2011, 2012/2013 e 2013/2014. Foram coletadas 20 folhas de cada cultivar para a calibração do modelo e outras 50 folhas para testar a capacidade preditiva do mesmo, nas quais foi medido o comprimento (C e a maior largura (L de cada folíolo central dos trifólios. A partir da relação entre área da folha e as dimensões lineares do folíolo central foi ajustado um modelo linear para cada cultivar e um modelo geral para todas as cultivares. A capacidade preditiva das equações foi avaliada pelas estatísticas raiz quadrada média do erro, BIAS, índice de concordância modificado e coeficiente r. Os resultados indicam que o método não destrutivo, baseado nas dimensões lineares do folíolo central, é apropriado para a estimativa da área de folhas individuais em soja e que a equação geral AF = 2,0185.(C.L pode ser utilizada para várias cultivares modernas de soja.

  7. Atividade antimicrobiana dos extratos de folhas e ramos da Ilex paraguariensis A. St.-Hil., Aquifoliaceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Bruno De Biasi

    Full Text Available Para avaliação da atividade antimicrobiana de Ilex paraguariensis foram utilizados seis microrganismos: Candida albicans, Escherichia coli, Proteus mirabilis, Pseudomonas aeruginosa, Staphylococcus aureus e Staphylococcus epidermidis. O método utilizado foi de difusão do disco. Foram adicionados em discos de papel filtro 10 µl de extratos hidro-alcoólicos das folhas e ramos coletados de dois ambientes distintos, com e sem exposição ao sol. As placas foram incubadas a 35- 37 ºC por 24 h. Os extratos inibiram levedura, bacilos gram-negativos e cocos gram-positivos, não mostrando atividade frente à Escherichia coli.

  8. Avaliação da atividade antibacteriana de folhas de Myrtus communis L. (Myrtaceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luiz Estevão Salvagnini

    Full Text Available O óleo essencial e o extrato etanólico obtidos a partir de folhas de Myrtus communis foram avaliados quanto 'a atividade inibitória frente a vários microrganismos. Os halos de inibição de crescimento foram avaliados através das técnicas de "template" e difusão em disco para as linhagens de Staphylococcus aureus, Staphylococcus epidermidis, Escherichia coli, Bacillus subtilis e Serratia marcescens. Os resultados obtidos evidenciaram que o óleo de M. communis apresentou atividade antibacteriana superior ao extrato etanólico frente a todas as bactérias. A atividade demonstrada tanto para o óleo como para o extrato etanólico frente a algumas linhagens, foi melhor evidenciada pela técnica "template". E. coli foi resistente ao óleo e extrato etanólico testados.

  9. A desoneração da folha de pagamento

    OpenAIRE

    Kertzman, Ivan Mascarenhas

    2012-01-01

    218 p. Este trabalho tem como objetivo a verificação da viabilidade da desoneração da folha de pagamento, com a respectiva substituição da perda arrecadatória por outra base de financiamento. Analisa a proposta do Governo de desoneração parcial dos tributos incidentes sobre a remuneração do trabalho e a compara com outras propostas de desoneração da folha de pagamento. Visa, também, a propositura de um modelo adequado de custeio da previdência social, que traga vantagens em relaçã...

  10. Estudo farmacognóstico e atividade in vitro sobre a coagulação sanguínea e agregação plaquetária das folhas de Passiflora nitida Kunth (Passifloraceae Pharmacognostic study and in vitro activity on blood coagulation and platelet aggregation of leaves of Passiflora nitida Kunth (Passifloraceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria José de Carvalho

    2010-03-01

    Full Text Available O gênero Passiflora (Passifloraceae é utilizado principalmente para tratar doenças do SNC e cardiovasculares. A espécie Passiflora nitida Kunth é comumente conhecida como “maracujá-do-mato". A literatura relata o consumo in natura dos frutos desta espécie pela população local para distúrbios gastrointestinais. Considerando o potencial farmacológico do gênero, este trabalho teve por objetivo realizar estudo de caracterização fitoquímica desta espécie e estudar os efeitos dos extratos aquoso (EA, etanólico (EE e hexânico (EH de suas folhas sobre a coagulação sanguínea e agregação plaquetária. Para a caracterização fitoquímica foram realizados testes de cromatografia em camada delgada e ressonância magnética nuclear. O efeito dos extratos sobre a coagulação foi avaliado pelos testes de tempo de protrombina (TP e tempo de tromboplastina parcial ativada (TTPa. O efeito sobre a agregação plaquetária foi avaliado em plasma rico em plaquetas por método espectrofotométrico, usando adenosina difosfato (ADP e adrenalina (ADR como indutores da agregação. Os extratos EA, EE e EH apresentaram atividade coagulante pelo teste do TP e o EE apresentou atividade anticoagulante para o TTPa. Quando induzidos por ADP, os extratos EA, EE e EH apresentaram valores de concentração inibitória 50% (CI50, µg/mL de 450,5 ± 50,7; 511,2 ± 35,5 e 394,4 ± 8,9, respectivamente, e quando induzidos por ADR apresentaram valores de 438,7 ± 5,2; 21,0 ± 1,9 e 546,9 ± 49,9, respectivamente. O EE apresentou atividade inibitória sobre a agregação. A caracterização fitoquímica foi sugestiva da presença de flavonóides e cumarinas, aos quais podem ser atribuídos, em parte, os efeitos biológicos estudados.The Passiflora genus (Passifloraceae is mainly used to treat CNS and cardiovascular diseases. The Passiflora nitida Kunth species is commonly known as “maracujá-do-mato". The literature reports the in natura consumption of

  11. Produção e qualidade de folhas de amoreira em função da época do ano e de colheita

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Miranda José Ednilson

    2002-01-01

    Full Text Available A quantidade e qualidade das folhas de amoreira (Morus alba L. exercem influência marcante sobre o desenvolvimento do bicho-da-seda e são, por sua vez, influenciadas por fatores como a idade das folhas, época do ano e características genéticas dos cultivares. Avaliou-se a produção e a qualidade nutricional de folhas de cinco cultivares de amoreira em diferentes épocas do ano e de colheita, objetivando verificar sua adaptação na região de Jaboticabal (SP. As folhas dos cultivares 'Miura', 'Korin', 'Calabresa', 'FM86' e 'FM Shima-Miura' foram colhidas na primavera, verão e outono após 45, 60, 75 e 90 dias da poda (DAP e avaliadas quanto à produção de folhas níveis de proteína bruta (PB e fibra em detergente neutro (FDN. As melhores produções foram verificadas em 'FM Shima-Miura', principalmente aos 75 DAP na primavera e no verão e aos 90 DAP no outono. No verão, as colheitas efetuadas aos 60, 75 e 90 DAP resultaram em produções mais elevadas. As épocas de colheita que resultaram em maiores níveis de PB foram aos 45 e 60 DAP e em menores níveis de FDN aos 60 DAP, respectivamente. Foi possível conciliar altos níveis de PB, baixos níveis de FDN e relativamente alta produção de massa foliar somente na colheita efetuada aos 75 DAP.

  12. Antioxidant capacity and composition of pitanga seeds Capacidade antioxidante e composição de sementes de pitanga

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Milena Bagetti

    2009-11-01

    Full Text Available Food industry generates a significant amount of seed wastes from the juice production, frozen pulps and jams. Considering that the characterization of wastes is the first step to determine their potential use, the aim of the present study was to determine the composition and the antioxidant capacity of seeds from pitanga fruits with different flesh colors (purple, red and orange. Chemical composition results revealed that pitanga seeds are a good source of insoluble dietary fiber, with low protein and fat levels, and no relevant differences were found among pitanga seeds from different flesh colors. Pitanga seed extracts had powerful antioxidant capacity that was partially correlated to their high phenolic content and showed some variation according to the pitanga flesh colors. Accordingly, it's suggested that this low value waste of pitanga processing, could be used as a source of natural antioxidants and dietary fiber, for animal and/or human nutrition.A indústria de alimentos gera quantidades significativas de resíduos de sementes a partir da produção de sucos, polpas congeladas e geleias de frutas. Considerando que a caracterização dos resíduos é o primeiro passo para determinar o seu uso potencial, o objetivo do presente estudo foi determinar a composição e a capacidade antioxidante de sementes de pitanga com diferentes colorações de polpa (roxa, vermelha e laranja. Os resultados da composição química revelaram que as sementes de pitanga são boas fontes de fibra alimentar insolúvel, com níveis baixos de proteína e gordura, e sem diferenças relevantes entre as sementes de pitangas de diferentes colorações. Os extratos das sementes apresentaram uma excelente capacidade antioxidante, que foi parcialmente correlacionada com o alto teor de fenólicos e apresentou alguma variação de acordo com a coloração da polpa das pitangas. Assim, sugere-se que esse resíduo de baixo valor, resultante do processamento da pitanga

  13. Structural changes in Psidium guajava 'Paluma' leaves exposed to tropospheric ozone Alterações anatômicas em folhas de Psidium guajava 'Paluma' expostas ao ozônio troposférico

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fernanda Tresmondi

    2011-09-01

    compostos atuam como antioxidantes não enzimáticos que neutralizam espécies reativas de oxigênio (ROS, formadas a partir do O3. O estudo objetivou comparar a estrutura foliar de plantas com e sem sintomas visíveis para estabelecer como esses sintomas se apresentam em nível celular. Para tanto, avaliaram-se acúmulo de substâncias fenólicas, densidade estomática e alterações estruturais nos tecidos foliares de P. guajava 'Paluma', exposta durante as quatro estações do ano, no Parque Estadual das Fontes do Ipiranga (PEFI, área verde da cidade de São Paulo, com altos índices de O3. Folhas com sintomas apresentaram, na superfície adaxial, antocianina nos vacúolos das células da epiderme, da hipoderme e, quando o sintoma foi mais intenso, em até três primeiras camadas do parênquima paliçádico, além de maior acúmulo de outros compostos fenólicos, em comparação com folhas assintomáticas. Algumas células parenquimáticas contíguas à câmara subestomática mostraram crescimento intrusivo em sua direção, promovendo a oclusão da câmara, o que pode contribuir para reduzir a entrada de O3 na folha. O acúmulo de antocianina e outros compostos fenólicos, além da oclusão da câmara subestomática são características que podem conferir proteção à planta contra efeitos do O3. Tais características, somadas à compactação do mesofilo, contribuem para que Psidium guajava 'Paluma' não apresente morte celular, sintoma frequente em espécies sensíveis ao O3.

  14. Consumo de antioxidantes durante tratamento quimioterápico

    OpenAIRE

    Rohenkohl,Caroline Cavali; Carniel,Ana Paula; Colpo,Elisângela

    2011-01-01

    RACIONAL: O câncer é definido como enfermidade multicausal crônica, em que as células possuem crescimento descontrolado. Resulta de vários fatores, sendo um dos principais, a dieta inadequada. As fases de iniciação, promoção e progressão de carcinogênese têm sido frequentemente relacionadas ao estresse oxidativo. OBJETIVO: Verificar o consumo de antioxidantes em pacientes com câncer durante os diferentes ciclos de quimioterapia. MÉTODOS: Estudo descritivo exploratório, incluindo pacientes em ...

  15. Actividad antioxidante de plantas empleadas en la medicina tradicional Navarra

    OpenAIRE

    Lopez, V. (Víctor); Akerreta, S. (Silvia); Cavero, R.Y. (Rita Yolanda); Calvo, M.I. (María Isabel)

    2007-01-01

    Numerosos estudios han puesto de manifiesto últimamente la relación existente entre el estrés oxidativo, el envejecimiento celular y algunas enfermedades. El estilo de vida actual está favoreciendo la acumulación de radicales libres y especies reactivas del oxígeno en nuestro organismo y como consecuencia de ello un aumento del estrés oxidativo a nivel fisiológico. Por esto es recomendable el aporte de antioxidantes de carácter exógeno. Debido al interés que están adquiriendo este grupo de co...

  16. Comportamento da laranjera 'Folha Murcha' em sete porta-enxertos no noroeste do Paraná Performance of 'Folha Murcha' orange on seven rootstocks in northwest of Parana

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Neusa Maria Colauto Stenzel

    2005-12-01

    Full Text Available Este trabalho avaliou por um período de 14 anos, em Paranavaí-PR, o comportamento de plantas de laranjeira 'Folha Murcha' enxertadas nos porta-enxertos: limoeiros 'Cravo' (Citrus limonia, 'Rugoso da África' (Citrus jambhiri e 'Volkameriano' (Citrus volkameriana, citrangeiro 'C-13' (Citrus sinensis x Poncirus trifoliata, trifoliata (Poncirus trifoliata, tangerineiras 'Sunki' (Citrus sunki e 'Cleópatra' (Citrus reshni. O delineamento experimental utilizado foi o de blocos ao acaso, com sete tratamentos (porta-enxertos e quatro repetições, com três plantas por parcela. Os volumes das copas de plantas em tangerineira 'Cleópatra' e limoeiro 'Rugoso da África' foram significativamente maiores. Plantas em limoeiro 'Cravo' apresentaram a menor diferença entre os diâmetros dos troncos do porta-enxerto e da copa. A produção acumulada foi superior nas plantas em limoeiro 'Rugoso da África' e tangerineira 'Cleópatra' e menor em plantas sobre o trifoliata. A alternância da produção não foi acentuada nas plantas sobre os porta-enxertos avaliados. O teor de sólidos solúveis totais foi significativamente superior nos frutos obtidos de plantas enxertadas em trifoliata e menor em limoeiro 'Rugoso da África'. A qualidade do suco apresentou-se dentro dos padrões aceitáveis para variedades-copa de laranjeiras. A tangerineira 'Cleópatra' e o limoeiro 'Rugoso da África' são porta-enxertos promissores para a laranjeira 'Folha Murcha' nas condições avaliadas.This work evaluated for 14 years, in Paranavaí, PR, Brazil, the performance of 'Folha Murcha' orange trees budded on the following rootstocks: 'Rangpur' lime (Citrus limonia, 'African' rough lemon (Citrus jambhiri, 'Volkamer' lemon (Citrus volkameriana, 'C-13' citrange (Citrus sinensis × Poncirus trifoliata, trifoliate orange (Poncirus trifoliata, 'Sunki' mandarin (Citrus sunki and 'Cleopatra' mandarin (Citrus reshni. The experimental design was in blocks, with seven treatments

  17. CONTRIBUIÇÃO AO ESTUDO ANATÔMICO DA FOLHA E DO CAULE DO CACAUEIRO (Theobroma cacao L.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    NAKAYAMA L.H.I

    1996-01-01

    Full Text Available O presente estudo teve como objetivo descrever a anatomia da folha e do caule adulto enfatizando a caracterização dos tricomas e das estruturas secretoras do cacaueiro. Foram analisadas amostras de caule e folhas (limbo e pecíolo, correspondente ao 3º nó, além de folhas novas de 5cm de comprimento. A lâmina foliar é hipoestomática, com estômatos do tipo anomocítico. Em ambas as faces do limbo ocorrem quatro tipos de tricomas: sendo dois tectores e dois glandulares. Na epiderme adaxial estão presentes as glândulas secretoras de mucilagem. O mesofilo é dorsiventral; o parênquima paliçádico é formado por duas ou três camadas. O parênquima lacunoso apresenta células coletoras. Ao longo do mesofilo predomina feixes colaterais envolvidos por bainha esclerenquimática que se estende até as epidermes. O padrão de venação é do tipo Camptodroma com ramificações mistas Brochidrodomas e Eucamptodromos. O pecíolo e o caule apresentam a epiderme com os tricomas descritos para o limbo; No parênquima cortical e medular do pecíolo e caule, há células contendo grãos de amido, idioblastos contendo drusas e canais de mucilagem. O sistema vascular ao longo do pecíolo se diferencia quanto a organização. O caule apresenta camadas de clorênquima, e de colênquima. Ocorre a esclerificação das células deste último, com o desenvolvimento. Segue-se um anel descontínuo de fibras do floema primário. A medula é ampla e se esclerifica com o desenvolvimento.

  18. Compostos da casca de tucum-do-cerrado (Bactris setosa Mart.) com atividade antioxidante

    OpenAIRE

    Dantas, Marcela Berckmans Viégas Costa

    2017-01-01

    Entre os frutos comestíveis do cerrado brasileiro, o tucum-do-cerrado (Bactris setosa Mart) se destaca devido ao seu alto potencial antioxidante e conteúdo de polifenóis. Nós investigamos o extrato aquoso de tucum-do-cerrado quanto ao seu mecanismo de ação e o potencial antioxidante de suas frações. O extrato aquoso foi fracionado por HPLC e as frações analisadas em termos da sua atividade antioxidante por meio da degradação oxidativa de 2-desoxirribose. Cinco frações foram selecionadas com b...

  19. LUTEÍNA: PROPRIEDADES ANTIOXIDANTES E BENEFÍCIOS À SAÚDE

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    P. C. STRINGHETA

    2009-01-01

    Full Text Available

    Este trabalho constitui uma revisão de dados científicos sobre luteína e sua ação como antioxidante. A luteína é um carotenóide capaz de dissipar a energia dos radicais livres e seqüestrar o oxigênio singlete. Radicais livres agem continuamente no organismo, podendo desencadear danos celulares e serem os responsáveis pelo desenvolvimento de câncer e certas doenças crônicas. Estudos mostram que a luteína protege moléculas de lipídios, membranas protéicas, lipoproteínas de baixa densidade, proteínas e DNA contra o ataque dos radicais, tendo um papel essencial na proteção de doenças, notadamente na redução do risco da degeneração macular relacionada à idade (DMRI. Como prevenção, preconizase o consumo de dietas com alimentos ricos em luteína, como vegetais de folhas verdes. A luteína ingerida diariamente pelos consumidores brasileiros é um importante componente bioativo, que pode também ser utilizado como um não nutriente, em alimentos com alegações de propriedades funcionais.

  20. Desenvolvimento e mortalidade larval de Spodoptera frugiperda em folhas de milho tratadas com extrato aquoso de folhas de Azadirachta indica Larval development and mortality of Spodoptera frugiperda fed on corn leaves treated with aqueous extract from Azadirachta indica leaves

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Paulo Afonso Viana

    2003-01-01

    Full Text Available Estudou-se o efeito do extrato aquoso de folhas de nim sobre o desenvolvimento e a mortalidade de lagartas recém-eclodidas de Spodoptera frugiperda. Para constatação do efeito de contato e de ingestão, as lagartas foram pulverizadas e as folhas de milho submersas no extrato (10 mg.mL-1 em laboratório e/ou pulverizadas no campo com um pulverizador de CO2. Partes de folhas de milho tratadas foram colocadas em copos plásticos para alimentar as lagartas e trocadas a cada dois dias. Adjuvantes foram adicionados ao extrato visando melhorar sua aderência às superfícies tratadas. Os parâmetros avaliados foram a mortalidade e o desenvolvimento larval. As folhas de milho submergidas e pulverizadas com o extrato causaram elevada mortalidade (100% e prejudicaram o desenvolvimento das lagartas sobreviventes. Na avaliação realizada 10 dias após a aplicação, o espalhante adesivo e o óleo de soja misturados ao extrato melhoraram a eficiência deste. A mortalidade das lagartas ocorreu três dias após a aplicação do extrato e a sua pulverização diretamente sobre o inseto não prejudicou o desenvolvimento larval. O extrato aquoso de nim mostrou-se com potencial para o controle de S. frugiperda.The effect of aqueous extracts from neem leaves and spraying adjuvants were evaluated on development and mortality of neonate S. frugiperda larvae. Corn leaves were dipped in the aqueous extract (10 mg.mL-1 in the laboratory and/or sprayed in the field with a CO2 sprayer and placed in plastic cup for larvae rearing. The treated corn leaves were replaced every other day. Corn leaves submerged and sprayed with the extract caused high larval mortality (100% and showed a negative effect on the larval development. The spreading agent and soybean oil mixed with neem extract improved larval mortality at the end of the 10-day period. The aqueous extract caused lethal effect on S. frugiperda larvae after three days of the application and sprayed directly on the

  1. O efeito da infusão das flores de Hibiscus pernambucensis Arruda sobre ratas gestantes e lactantes expostas ao campo eletromagnético de ultra-alta-frequência

    OpenAIRE

    Juliana Becker Borba

    2010-01-01

    O Hibiscus pernambucensis Arruda (HpA) é uma planta da família Malvaceae, típica de clima tropical de ecossistemas de mangues. A infusão das flores do HpA apresenta propriedades antioxidantes, decorrentes da vitamina E, flavonóides, quercetina e taninos. Há estudos mostrando que os campos eletromagnéticos de ultra-alta-freqüência (CEMUAF) podem provocar danos à saúde. Estes danos acontecem por indução de estresse oxidativo às células. O presente estudo visa verificar o efeito antioxidante das...

  2. Morfoanatomia de folhas e caules de Passiflora edulis Sims, Passifloraceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Josseara Beraldo

    Full Text Available Passiflora edulis Sims, espécie vegetal empregada na medicina popular e amplamente cultivada no território nacional, tem suas folhas e seus caules, muitas vezes utilizados como adulterante de amostras comerciais da droga vegetal oficializada no país também conhecida como maracujá, Passiflora alata Curtis. Caracteres morfoanatômicos de folhas e de caules de P. edulis, foram descritos e documentados. Dentre os caracteres auxiliares na distinção entre a droga oficial e os órgãos aéreos de P. edulis podem-se destacar o contorno da lâmina foliar, a forma da nervura mediana em secção transversal, o número e a localização de nectários extraflorais e, o indumento

  3. Morfoanatomia de folha e caule de Genipa americana L., Rubiaceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marianna Erbano

    2010-10-01

    Full Text Available Genipa americana L., conhecida como jenipapo, é uma Rubiaceae nativa do Brasil e as suas folhas são utilizadas pela população como antidiarreico e febrífugo, e o caule como anti-hemorrágico, contra luxações e contusões. Com o objetivo de caracterizar macro e microscopicamente folhas adultas e caules jovens para o controle de qualidade farmacognóstico, essa planta medicinal foi analisada segundo a metodologia clássica de morfoanatomia vegetal. Genipa americana apresenta folhas simples, opostas, de formato obovado a oblanceolado e pecíolos curtos. A epiderme foliar é uniestratificada e revestida por cutícula delgada e levemente estriada. Os estômatos são paracíticos e restritos à superfície abaxial. Há tricomas tectores uni e pluricelulares predominantemente na superfície abaxial. O mesofilo é dorsiventral. Em secção transversal, a nervura central é plano-convexa e o pecíolo é circular, ambos apresentando um feixe vascular colateral em disposição cilíndrica e outros menores. O caule possui felogênio localizado nas camadas subepidérmicas, colênquima anelar e um cilindro floemático externo ao de xilema, sendo ambos percorridos por raios parenquimáticos estreitos. Ocorrem idioblastos contendo compostos fenólicos, areia cristalina e drusas de oxalato de cálcio na folha e no caule.

  4. Antocianinas, ácido ascórbico, polifenoles totales y actividad antioxidante, en la cáscara de camu-camu (Myrciaria dubia (H.B.K McVaugh Antocianinas, ácido ascórbico, polifenóis totais e atividade antioxidante na casca do camu-camu (Myrciaria dubia (H.B.K McVaugh

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Juan Edson Villanueva-Tiburcio

    2010-05-01

    Full Text Available Este trabajo fue realizado en la UNAS, Tingo María, Perú. Los objetivos fueron evaluar el contenido de antocianinas, ácido ascórbico, y polifenoles totales, en la cáscara fresca y seca de camu-camu (Myrciaria dubia (H.B.K McVaugh en diferentes estados de madurez; evaluar la actividad antioxidante en la cáscara seca, usando diferentes tipos de radicales (DPPH, ABTS+ y Peroxilo y correlacionar el valor de ácido ascórbico y polifenoles totales con la actividad antioxidante. La extracción fue realizada en medio acuoso, y los resultados de las evaluaciones de cada experimento fueron analizados por un diseño completamente al azar (DCA, según la prueba de t-student (p A pesquisa foi realizada na UNAS em Tingo Maria, Peru, teve como objetivos: avaliar o teor de antocianinas, ácido ascórbico e polifenóis totais, na casca fresca e na casca seca do camu-camu (Myrciaria dubia (HBK McVaugh em diferentes tempos de maturação; avaliar a atividade antioxidante na casca seca utilizando diferentes tipos de radicais (DPPH, ABTS+ e Peroxilo e correlacionar o teor de ácido ascórbico e polifenóis totais com a atividade antioxidante. A extraç��o foi realizada em meio aquoso, os resultados das avaliações de cada experiência são analisados no delineamento inteiramente casualizado (DIC, pelo teste de t-student (p < 0,05. O extrato da casca da amostra madura fresca apresentou as concentrações mais elevadas de ácido ascórbico e de antocianinas em relação a meio madura e verde, com 21,95 mg.g-1 de casca e 46,42 mg.L-1 de cianidin-3-glucosídeo, respectivamente, enquanto que o extrato da casca seca meio madura apresentou o maior teor de ácido ascórbico em relação a madura e verde (53,49 mg.g-1 e de polifenóis totais: 7,70 mg Ác. Gálico/g. A maior atividade antioxidante foi encontrada no extrato da casca seca da amostra meio madura com IC50 = 46,20; 20,25 e 8,30 μg.mL-1, em comparação com DPPH radical, ABTS+ e Perox

  5. Efeito de diferentes técnicas extrativas no rendimento, atividade antioxidante, doseamentos totais e no perfil por clae-dad de dicksonia sellowiana (presl.. Hook, dicksoniaceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    V.B. OLIVEIRA

    2016-01-01

    Full Text Available RESUMO A espécie Dicksonia sellowiana, conhecida popularmente como xaxim, é uma samambaia natural do continente americano e encontrada no Brasil na Mata Atlântica. Em 2001 sua utilização para confecção de vasos para jardinagem foi proibida, e a mesma foi inserida na lista do IBAMA como espécie ameaçada de extinção. O presente trabalho descreve o efeito de diferentes técnicas de extração, incluindo ultra-som, turbólise, maceração, infusão, decocto e soxhlet utilizando etanol e solvente hidroalcoólico 70%, sob aspectos físicos e químicos. Foi avaliado o rendimento de cada extração, o perfil por CLAE-DAD, o conteúdo de polifenóis, flavonoides, proantocianidinas e esteroides além das atividades antioxidantes pelos métodos DPPH e redução do complexo fosfomolibdênio. Os dados foram avaliados estatisticamente através de desvio padrão, Tuckey e PCA. Os resultados demonstraram que a extração por Soxhlet utilizando ambos os solventes é a que possui maior rendimento final, porém o rendimento não está diretamente relacionado com o aumento nos teores de bioativos totais e atividades antioxidantes. As extrações por decocção e turbólise utilizando solvente hidroalcoólico foram as que apresentaram melhores resultados nos teores totais e na atividade antioxidante, resultados que ficam evidentes quando avaliados por PCA, demonstrando que este solvente e estas extrações são mais seletivas no estudo proposto.

  6. Estado oxidante/antioxidante total em recém-nascidos ictéricos antes e depois da fototerapia

    OpenAIRE

    Aycicek,Ali; Erel,Ozcan

    2007-01-01

    OBJETIVO: Avaliar o efeito da fototerapia no estado oxidante e antioxidante no soro de recém-nascidos a termo com hiperbilirrubinemia. MÉTODO: Trinta e quatro recém-nascidos a termo com idades entre 3 e 10 dias submetidos a fototerapia foram avaliados. O estado antioxidante do soro foi determinado pela capacidade antioxidante total e por componentes antioxidantes individuais: vitamina C, ácido úrico, albumina, concentração de tiol e bilirrubina total. O estado oxidante foi avaliado através do...

  7. Kalyan Das

    Indian Academy of Sciences (India)

    Home; Journals; Resonance – Journal of Science Education. Kalyan Das. Articles written in Resonance – Journal of Science Education. Volume 5 Issue 12 December 2000 pp 76-76 Book Review. Linear Algebra and Linear Models · Kalyan Das · More Details Fulltext PDF ...

  8. S Das

    Indian Academy of Sciences (India)

    Home; Journals; Bulletin of Materials Science. S Das. Articles written in Bulletin of Materials Science. Volume 25 Issue 6 November 2002 pp 557-560. 3-D mapping with ellipsometrically determined physical thickness/refractive index of spin coated sol–gel silica layer · S Das P Pal S Roy S Chakraboarty P K Biswas.

  9. Pentacyclic triterpenoids from the leaves of Terminalia brasiliensis; Triterpenoides pentaciclicos das folhas de Terminalia brasiliensis

    Energy Technology Data Exchange (ETDEWEB)

    Araujo, Delton Servulo; Chaves, Mariana H. [Universidade Federal do Piaui, Teresina, PI (Brazil). Dept. de Quimica]. E-mail: mariana@ufpi.br

    2005-11-15

    Eleven oleanane, ursane and lupane-type triterpenes were isolated from the leaves of Terminalia brasiliensis Camb, daturadiol (3{beta},6{beta}-dihydroxy-olean-12-ene), 3{beta}-hydroxy-30-norlupan-20-one, lupenone, {beta}-amyrenone, {alpha}-amyrenone, lupeol, {beta}-amyrin, {alpha}-amyrin, betulin, erythrodiol and uvaol, in addition to squalene, sitosterol and {alpha}-tocopherol. The structures of these compounds were identified by {sup 1}H and {sup 13}C NMR spectral analysis and comparison with literature data. (author)

  10. Flavonóides glicosilados das folhas e flores de Bauhinia forficata (Leguminosae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Pizzolatti Moacir Geraldo

    2003-01-01

    Full Text Available From the leaves of Bauhinia forficata kaempferol and four flavonoid glycosides, 3,7-di-O-alpha-L-rhamnopyranosylkaempferol, 3,7-di-O-alpha-L-rhamnopyranosylquercetin, 3-O-[alpha-L-rhamnopyranosyl-(1->6-beta-D-glucopyranosyl]-7-O-alpha-L-rhamnopyranosylkaempferol and 3-O-[alpha-L-rhamnopyranosyl-(1->6-beta-D-glucopyranosyl]-7-O-alpha-L-rhamnopyranosylquercetin were obtained. From the flowers only the flavonoid 7-O-alpha-L-rhamnopyranosylkaempferol was isolated. The structures were established by chemical and spectroscopic methods.

  11. MANEJO DE CORTE DAS FOLHAS DE Copernicia prunifera (Miller H. E. Moore NO PIAUÍ

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    CLEMILTON DA SILVA FERREIRA

    2013-01-01

    Full Text Available The carnauba (Copernicia prunifera (Miller HE Moore is a native fruit species to the north- east of Brazil and its exploration is based mainly on the extract of wax powder from leaves. The objective of this study was to evaluate the effect of different management strategies of cutting leaves, developmental stages and leaf age on leaf traits and physical-chemical attributes of carnauba wax in a natural population of carnauba palm located at the Cajazeira Farm, municipality of União, Piauí state, Brazil. The selected plants were identi- fied and classified in two developmental stages: capoteiro and adult palm. The management strategies cutting leaves were: one cut in August; two cuts, the first in August and the second in December; and one cut in De- cember. The leaves were separated according to age into new and old leaf. It was performed the individual analysis of variance of leaf number (LN, wax powder production (WP, ratio WP/LN, moisture content, impu- rities content and wax yield for each management systems as well as the analysis of the different managements. Leaf age presented as the attribute of greater relevance in the commercial use of carnauba. The best manage- ment strategy for cutting leaves of carnauba consists of a single annual cut in December.

  12. Sesquiterpenos e outros constituintes das folhas de Pterodon pubescens Benth (Leguminosae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Mayker Lazaro Dantas Miranda

    2014-06-01

    Full Text Available In addition to β-sitosterol, stigmasterol, phaeophitin A, luteolin, kaempferol, quercetin, (+-catechin, quercetin-3-O-α-L-rhamnopyranoside, rutin, and p-hydroxy-benzoic acid, six known sesquiterpenes, namely (rel-2β,6β-epoxy-5β-hydroxy-isodaucane, oplopanone, 1β,6α-dihydroxy-4(15-eudesmene, caryophyllene oxide, α-cadinol, and spathulenol, were isolated from the leaves of Pterodon pubescens (Leguminosae growing in the Cerrado of Mato Grosso do Sul, Brazil. The (rel-2β,6β-epoxy-5β-hydroxy-isodaucane corresponds to the correct structure of homalomenol D. The sesquiterpene oplopanone, which bears a modified cadinane skeleton, is being reported for the first time in this genus. The structures of the compounds were determined on the basis of spectral data (MS, IR, and NMR-1D and 2D and subsequent comparison with data reported in the literature.

  13. Constituintes químicos das folhas de Riedeliella graciliflora Harms (Leguminosae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Mayker Lazaro Dantas Miranda

    2012-01-01

    Full Text Available A new salicylic acid derivative, pentacosanyl salicylate, was isolated from the leaves of the plant toxic to cattle, Riedeliella graciliflora, in addition to a digalactosyldiacylglycerol (DGDG, 1,2-di-O-α-linolenoyl-3-O-α-D-galactopyranosyl-(1→6-β-D-galactopyranosyl-glycerol, kaempferol-3-O-β-D-glucopyranoside, kaempferol-3-O-α-L-rhamnopyranoside, quercetin-3-O-α-L-rhamnopyranoside, rutin, (+-catechin and the dimer (+-catechin-(4β-8-catechin, glutinol, squalene, β-sitosterol, stigmasterol, phytol, β-carotene, α-tocopherol and ficaprenol-12. Their structures were determined using spectral techniques (MS, IR, and NMR-1D and 2D and based on literature data.

  14. Atividade alelopática do extrato de folhas Ziziphus joazeiro Mart. – Rhamnaceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Francisco Esio Porto Diógenes

    2015-06-01

    Full Text Available O juazeiro (Ziziphus joazeiro Mart. é uma das espécies endêmicas da caatinga de grande importância econômica e ecológica. O objetivo deste trabalho foi avaliar o potencial alelopático do extrato de folhas de juazeiro (Ziziphus joazeiro Mart. em sementes de alface (Lactuca sativa L.. O experimento foi conduzido em delineamento inteiramente casualizado com 4 repetições e cinco tratamentos (0%, 25%, 50%, 75% e 100% de concentração do extrato bruto. O extrato bruto foi obtido por infusão (água fervida a 100°C sobre as folhas de Z. joazeiro. As características avaliadas foram percentagem de germinação, percentagem de plântulas normais e anormais, comprimento da parte aérea e radicular das plântulas de alface. Os resultados mostraram efeito alelopático do extrato dependendo da concentração. As maiores concentrações do extrato (100%, 75% e 50% reduziram a velocidade de germinação, o comprimento da raiz e aumentaram a percentagem de plântulas anormais de L. sativa. Normal 0 21 false false false PT-BR X-NONE X-NONE st1\\:*{behavior:url(#ieooui } /* Style Definitions */ table.MsoNormalTable {mso-style-name:"Tabela normal"; mso-tstyle-rowband-size:0; mso-tstyle-colband-size:0; mso-style-noshow:yes; mso-style-priority:99; mso-style-parent:""; mso-padding-alt:0cm 5.4pt 0cm 5.4pt; mso-para-margin-top:0cm; mso-para-margin-right:0cm; mso-para-margin-bottom:10.0pt; mso-para-margin-left:0cm; line-height:115%; mso-pagination:widow-orphan; font-size:11.0pt; font-family:"Calibri","sans-serif"; mso-ascii-font-family:Calibri; mso-ascii-theme-font:minor-latin; mso-hansi-font-family:Calibri; mso-hansi-theme-font:minor-latin; mso-fareast-language:EN-US;}

  15. Papel dos tricomas glandulares da folha do tomateiro na oviposição de Tuta absoluta Role of tomato leaf glandular trichomes on oviposition of Tuta absoluta

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Elsa Gilardón

    2001-03-01

    Full Text Available Os tricomas glandulares presentes nas folhas e ramos das plantas do gênero Lycopersicon são responsáveis pela secreção de metabólitos de diferentes naturezas. A presença de alguns desses compostos tem sido associada à resistência do tomate a diferentes insetos. A traça-do-tomateiro, Tuta absoluta (Meyrick, é uma das pragas mais nocivas da América do Sul. O adulto oviposita sobre as folhas do tomate e suas larvas abrem galerias no mesófilo das folhas, ramos, flores e frutos. As espécies silvestres do tomate conservam a capacidade de biossintetizar compostos químicos que lhes conferem resistência a esta praga. No presente trabalho, foi avaliada a preferência para oviposição desse inseto sobre folhas com e sem tricomas glandulares de L. esculentum (Mill. cv. Uco Plata, suscetível, e de L. hirsutum f. glabratum (Mull. PI 134417, espécie silvestre afim ao tomate, e resistente à traça. Os resultados sugerem que as fêmeas ovipositam indistintamente sobre as folhas de ambas espécies, independentemente da presença, ou não, dos tricomas glandulares. E a presença destes e de seus exsudatos não têm efeito inibidor na oviposição do inseto.In the genus Lycopersicon, different metabolites are secreted by the glandular trichomes of leaves and stems. These compounds have been associated to different tomato pests resistance. The South American tomato pinworm, Tuta absoluta (Meyrick, is one of the most harmful pests in South America. The females oviposit on tomato leaves and the larvae mine the leaf mesophyl, stems, flowers and fruits. Some wild accessions of Lycopersicon keep their capacity to synthesize allelochemicals that protect them from the pest. In this paper a comparison was made between the tomato pinworm oviposition on leaves with and without trichomes of L. esculentum (Mill. cv. Uco Plata, a susceptible cultivar, and L. hirsutum f. glabratum (Mull. PI 134417, a resistant wild accession. Results suggest that the female

  16. Correlações entre compostos fenólicos e atividade antioxidante em casca e polpa de variedades de uva de mesa

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Angela Vacaro de Souza

    2018-02-01

    Full Text Available Resumo Uvas são consideradas excelentes fontes de compostos fenólicos, quando comparadas a outros vegetais; porém, a grande diversidade entre as cultivares resulta em frutos com diferentes características, tanto de sabor quanto de coloração, o que, certamente, está associado com o conteúdo e o perfil de compostos polifenólicos. Cascas e polpas de amostras de uva no ponto de consumo − tipos “Itália”, “Brasil”, “Rubi”, “Thompson” e “Niágara Rosada” − da região de Campinas e Jundiaí, Estado de São Paulo, foram estudadas com o objetivo de avaliar a atividade antioxidante, a atividade enzimática da peroxidase e da polifenoloxidase e os teores de compostos fenólicos e de ácido ascórbico. A fim de verificar as correlações entre as cascas e polpas das variedades e as características, utilizou-se a Correlação de Pearson, a distância generalizada de Mahalanobis (D2 e, por fim, o agrupamento das diferentes respostas através da análise multivariada. Verificou-se que as cascas das uvas analisadas apresentaram correlação positiva com o conteúdo de compostos fenólicos, a atividade da enzima polifenoloxidase e com o teor de ácido ascórbico, exceto a cultivar “Niágara Rosada”, a qual mostrou maiores valores para estas avaliações. Não houve correlação entre o índice de atividade antioxidante com as demais análises realizadas. As cascas se mostraram uma ótima fonte para estes compostos.

  17. Estudo fitoquímico de goiaba (Psidium guajava L. com potencial antioxidante para o desenvolvimento de formulação fitocosmética

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Silvia M. Iha

    Full Text Available Considerando-se a qualidade dos fitoterápicos, é importante salientar que a preocupação com esta questão inclui rigoroso acompanhamento das diferentes etapas do desenvolvimento e produção destes produtos, desde a coleta do vegetal até a disponibilidade do produto final. Neste trabalho, foram realizados o controle da qualidade, o potencial antioxidante como também ensaios biológicos in vitro do fruto da goiabeira (Psidium guajava L., para o desenvolvimento de uma formulação fitocosmética. Os resultados obtidos mostraram que o fruto apresenta taninos e flavonóides, bem como atividades antioxidante e antimicrobiana. A análise microbiológica não apresentou crescimento de patógenos na formulação desenvolvida entre os outros testes realizados. Destaca-se a importância do estabelecimento do controle da qualidade para as plantas, a fim de que sejam utilizadas para o desenvolvimento de uma formulação fitocosmética segura, eficaz e com qualidade.

  18. Reforma psiquiátrica e mídia: representações sociais na Folha de S. Paulo Psychiatric reform and media: social representations in the Folha de S. Paulo

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ana Lúcia Machado

    2004-06-01

    Full Text Available A imprensa do Brasil tem acompanhado o movimento da Reforma Psiquiátrica proporcionando a divulgação de conceitos e da nova linguagem adotada para descrever a doença mental e para propor uma assistência digna. O objetivo desta pesquisa é descrever as representações veiculadas pela Folha de S. Paulo acerca dessa reforma. O referencial teórico é o das representações sociais. Foram feitas consultas a CD-ROMs do jornal Folha de S. Paulo, no período de 1994 a 1999. A análise temática dos textos teve a finalidade de verificar quais as representações sociais presentes. Duas categorias surgem dicotomizadas ­ reforma da transição e reforma da manutenção. A produção de textos assim expostos desvela grupos que criam referências, recriam conceitos, mascaram ou não transformações, inovam nas propostas políticas, assistenciais, governamentais e de planejamento de estratégias de intervenção ampliadas.The Brazilian press has been closely tracking the Psychiatric Reform movement, making new concepts and the new language adopted to describe mental illness known with a view to proposing dignified care. The goal of this study is to describe information placed into circulation by Folha de S. Paulo regarding the reform. The theoretical reference is that of social representations. Folha de S. Paulo newspaper CD-ROMS containing editions from 1994 to 1999 were consulted. Theme analysis of the texts was done in order to verify present social representations. Two dichotomized categories ­ transition and maintenance reform ­ arose. The production of such texts unveils groups that create references, recreate concepts, may or may not hide transformation, innovate on political, assistance-related and governmental proposals as well as on planning broad intervention strategies.

  19. INFLUÊNCIA DO POTENCIAL ANTIOXIDANTE DE EXTRATO DE ERVA-MATE (Ilex paraguariensis St. Hil EM FRANGO ASSADO, ARMAZENADO E REAQUECIDO

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marineusa CAMEL

    2012-04-01

    Full Text Available O objetivo deste trabalho foi avaliar o potencial antioxidante do extrato de erva-mate (Ilex paraguariensis em carne de frango. As sobrecoxas de frango foram submetidas a diferentes tratamentos (sem condimentos; com sal, sal e sálvia, sal, sálvia e extrato (0,125%; sal e extrato (0,125%, sal, sálvia e extrato (0,25% e sal e extrato (0,25% e analisadas na forma crua, assada, após armazenamento sob refrigeração e após reaquecimento. A atividade antioxidante in vitro do extrato foi determinada pelo teste de DPPH (difenilpicrilhidrazina. As amostras dos diferentes tratamentos foram submetidas às análises de oxidação de lipídios (TBARS, pH, potencial de oxiredução (mV, cor objetiva (L, a, b e análise sensorial. O teste DPPH mostrou correlação entre a atividade antioxidante (% e concentração de extrato fornecendo IC50 de 255μg/mL. Em relação à oxidação de lipídios, as amostras sem condimentos e somente com adição de sal diferiram das demais (p<0,05 quando armazenadas e após reaquecimento. A amostra com 0,125% de extrato de erva-mate diferiu das amostras contendo 0,25% de extrato na condição armazenado, mostrando o efeito do aumento da concentração de extrato contra a oxidação lipídica das sobrecoxas. Não houve diferença significativa entre os diferentes tratamentos e condições em relação ao pH e potencial de oxi-redução. A adição dos extratos alterou significativamente (p<0,05 a cor b nas amostras reaquecidas e a cor L nas amostras armazenadas e reaquecidas. Os atributos sensoriais de aceitação geral dos diferentes tratamentos não apresentaram diferença significativa entre as amostras testadas.

  20. Avaliação da estabilidade e atividade antioxidante de uma emulsão base não-iônica contendo resveratrol

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marcela Kist Lange

    2009-03-01

    Full Text Available Vários são os fatores que podem ocasionar a instabilidade de uma emulsão, destacando-se a oxidação, reação prevenida pelo emprego de antioxidantes. O butil-hidróxi-tolueno (BHT tem sido um dos antioxidantes sintéticos mais utilizados em formulações cosméticas, porém, a busca da indústria farmacêutica e cosmética pelo emprego de produtos de origem natural tem sido cada vez maior. Visto isso, o objetivo do presente trabalho foi a incorporação do resveratrol, um composto fenólico encontrado principalmente em uvas bem como em vinhos tintos, em uma emulsão base não-iônica para avaliação do perfil de estabilidade e atividade antioxidante em comparação a uma emulsão base não-iônica contendo o BHT. O perfil de estabilidade foi analisado pela observação das características organolépticas, determinação do pH e espalhabilidade, e atividade antioxidante através do teste com o radical livre 2,2-difenil-1-picrilhidrazila (DPPH. Em relação à estabilidade, a altas temperaturas, a emulsão contendo BHT mostrou-se superior à emulsão contendo resveratrol. Pela análise da atividade antioxidante, o resveratrol tanto na sua forma de extrato seco, como quando incorporado na emulsão, demonstrou significativa superioridade em relação ao BHT, podendo ser sua utilização uma alternativa viável em preparações cosméticas, devido ao seu grande potencial antioxidante.There are several factors that can lead to the instability of an emulsion, highlighting the oxidation, a reaction prevented by the use of antioxidants. The butylated hydroxytoluene (BHT has been one of the most used synthetic antioxidants in cosmetic formulations; however, pharmaceutical and cosmetic industries have shown considerable interest regarding the search for the use of natural products. Based on this, the objective of this work was the incorporation of resveratrol, a natural phenolic compound found mainly in grapes as well as in red wines, into a non

  1. Copa do Mundo de 2006: O que elas escreveram na Folha de São Paulo World Cup Football 2006: what women wrote in Folha de São Paulo Copa del Mundo 2006: o que ellas escribieron en la Folha de São Paulo

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    2007-03-01

    Full Text Available Este trabalho consiste em uma análise das publicações da Folha de São Paulo, escritas por mulheres sobre a Copa do Mundo de 2006. As reportagens foram divididas em três grupos, nos quais se identifi cou que existem diversas maneiras das articulistas parti-ciparem desse momento de Copa. Se o nacionalismo é o argumento destacado pelos autores que estudam o futebol para explicar a participação das mulheres nesse universo, podemos dizer que, nesse estudo, ele foi tão requisitado quanto outros aspectos iden-titários presentes nas vidas dessas articulistas. Elas vivenciaram a Copa da Alemanha, explicitando constantemente suas diversas formas de ser mulher. PALAVRAS-CHAVES: Copa do Mundo – nação – mulher This research work consists of an analysis of articles written by women and published in Brazilian newspaper Folha de São Paulo about the 2006 World Cup Football. The articles were divided into three categories that made it possible to identify the different ways in which women writers participated in World Cup Football 2006. If nationalism is the motive that is highlighted by football scholars to explain female participation in this universe, we can argue that in this research study it was as important as other iden-tity aspects which are present in the lives of these writers. They experienced the World Cup by constantly expliciting their many ways of being women. KEYWORDS: World Cup Football – nation – women Este trabajo consiste en un análisis de las publicaciones del periódico Folha de São Pau-lo, escritos por mujeres sobre la Copa Mundial de Fútbol en 2006. Los reportajes fueron divididos en tres grupos, en los cuales se identifi có que existen diversas maneras de las articulistas en participar de ese evento. Si el nacionalismo es el argumento destacado por los autores que estudian fútbol para explicar la participación de las mujeres en ese universo, podemos decir que, en este estudio, el mismo fue tan requisitado

  2. Chemical constituents and antioxidant activity of leaves and branches of Eugenia copacabanensis Kiaersk (Myrtaceae); Constituintes quimicos e atividade antioxidante de folhas e galhos de Eugenia copacabanensis Kiaersk (Myrtaceae)

    Energy Technology Data Exchange (ETDEWEB)

    Carvalho Junior, Almir Ribeiro de; Gomes, Geovany Amorim; Ferreira, Rafaela Oliveira; Carvalho, Mario Geraldo de, E-mail: almirribeiro@ufrrj.br [Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro (UFRRJ), Seropedica, RJ (Brazil). Instituto de Ciencias Exatas. Departamento de Quimica

    2014-05-15

    Phytochemical investigation of Eugenia copacabanensis allowed for the isolation and identification of following compounds: β-sitosterol, β-sitosterol-glucoside, eight triterpenes, (mixture of α- and β-amyrins, ursolic acid, 30-hydroxy-ursolic acid, betulin, friedelin, friedelan-3,4-lactone, and taraxerol), a mixture of three sesquiterpenes, (clovandiol, globulol, and viridiflorol), three flavonoids (kaempferol-3-O-β-D-rhamnoside, quercetin-3-O-α-L-arabinoside, and quercetin), and a mixture of four coumaroyl esters (octacosanyl, heptacosanyl, hexacosanyl, and tetracosanyl coumarates). The structures of these compounds were assigned based on comparison with literature data and spectroscopic analysis, including analysis by two-dimensional NMR techniques. Total phenolic content and total flavonoids were evaluated. Antioxidant activities of methanol extracts and fractions were measured by the 1,2-diphenyl-2-picryl-hidrazyl free radical scavenging assay. (author)

  3. Compostos químicos e atividade antioxidante analisados em Hibiscus rosa-sinensis L. (mimo-de-vênus) e Hibiscus syriacus L. (hibisco-da-síria)

    OpenAIRE

    Silva, Analú Barbosa da; Wiest, José Maria; Carvalho, Heloisa Helena Chaves

    2016-01-01

    Resumo O Hibiscus rosa-sinensis L. e o Hibiscus syriacus L., da família Malvaceae, são utilizados na área ornamental e gastronômica internacional, mas, nos últimos anos, vêm ganhando espaço como flores comestíveis não convencionais na alimentação alternativa. Este estudo objetivou quantificar a composição centesimal, pectina e compostos fitoquímicos dessas variedades de hibisco comparados com o potencial antioxidante detectado. As amostras das flores foram coletadas em uma propriedade agroeco...

  4. Flood in Northeast: humanizing news on photo coverage at Folha de S. Paulo Enchentes no Nordeste: a humanização da notícia na cobertura fotográfica da Folha de S. Paulo

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Paulo César Boni

    2010-08-01

    Full Text Available This article analyses the photographic coverage of northeast Brazilian coast flood done by the photographic reporter Fernando Donasci and published by the newspaper Folha de S. Paulo, from May 18It aims to evaluate the photographer intentionality when capturing each image using an analytical deconstruction proposed by Boni (2000. The analytical deconstruction – identification and conceptualization of technical resources and elements of photographic language – enables the approach of communication intentionality on the photographic act. Along with the analysis, it was strongly connoted that Fernando Donasci used strong colors and appreciated the human element on the search for humanizing news.Este artigo analisa as fotografias da cobertura das enchentes no nordeste brasileiro, tomadas pelo repórter fotográfico Fernando Donasci e publicadas na Folha de S. Paulo, de 18 a 25 de maio de 2009. Seu objetivo é avaliar, por meio da desconstrução analítica, proposta por Boni (2000, qual a intencionalidade do fotógrafo ao capturar cada uma das imagens analisadas. A desconstrução analítica – identificação e conceituação dos recursos técnicos e dos elementos da linguagem fotográfica – possibilita se aproximar da intencionalidade de comunicação do emissor no ato fotográfico. Com a análise, ficou fortemente conotado que Fernando Donasci utilizou cores quentes e valorizou o elemento humano na busca pela humanização da notícia.

  5. Atividade antimicrobiana dos extratos metanólicos da raiz, caule e folhas de Croton pulegioides Baill. (Zabelê

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    L.G. Arrais

    2014-01-01

    Full Text Available O uso popular de plantas medicinais continua sendo de grande interesse para a população, principalmente em países em desenvolvimento, nos quais o acesso à medicina alopática ainda é muito restrito. Assim, além de sua importância na medicina tradicional, o conhecimento das plantas pode fornecer para a indústria farmacêutica, direta ou indiretamente, princípios ativos de interesse terapêutico. No presente trabalho foi avaliada a atividade antimicrobiana dos extratos metanólicos secos de Croton pulegioides Baill. obtidos a partir da raiz, do caule e das folhas nas concentrações de 25, 50 e 100mg/mL utilizando o método de difusão em Agar (técnica de poços frente a cinco cepas Gram-positivas, três cepas de fungos e três cepas de bactérias Gram-negativas. Na execução do estudo foi utilizado o antibiótico Gentamicina (100µg/mL no teste com bactérias, e Cetoconazol (300µg/mL para as Candidas verificando-se, ao mesmo tempo, a ausência de atividade para o diluente DMSO 20% em água. Na observação dos resultados evidenciaram-se halos de inibição indicando atividade dos extratos metanólicos da raiz, caule e folhas, nas concentrações de 50 e 100mg/ml, frente Bacillus subtilis AM 04; dos extratos metanólicos da raiz e do caule, nas concentrações de 50 e 100mg/ml, frente Staphylococcus aureus AM 103 (ATCC 6538; e do extrato metanólico do caule, nas concentrações de 50 e 100mg/ml, frente S. epidermidis AM 235. Por outro lado, todos os extratos foram inativos nas concentrações avaliadas frente às bactérias Gram-negativas utilizadas no estudo (Pseudomonas aeruginosa AM 206, Escherichia coli AM 1050 e Klebsiella pneumoniae AM 410. Referente à atividade sobre fungos, os extratos metanólicos da raiz e do caule inibiram, nas três concentrações avaliadas, o crescimento de Candida tropicalis AM 1181 e C. albicans AM 1140, enquanto o extrato das folhas, inibiu o crescimento de C. tropicalis AM 1181 nas concentra

  6. INFLUÊNCIA DOS ADITIVOS ALIMENTARES NA ATIVIDADE ANTIOXIDANTE IN VITRO DE PRODUTOS DE ALHO

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Y. S. QUEIROZ

    2009-01-01

    Full Text Available

    A atividade antioxidante em produtos de alho com e sem aditivos (ácido cítrico, metabissulfito de sódio e benzoato de sódio foi investigada. Extratos metanólicos de alho picado sem sal (AP, picado com sal (APS e misto - mistura do alho in natura com o desidratado (AM - foram avaliados quanto ao teor de fenólicos totais e atividade antioxidante com os métodos DPPH (1,1-difenil-2- picrilhidrazil, sistema Alho; atividade antioxidante; aditivos alimentares; DPPH; Rancimat®; sistema -caroteno/ ácido linoléico. -caroteno/ácido linoléico e Rancimat®. O teor de fenólicos totais do extrato em base seca foi significativamente maior (p<0,05 para todos os produtos que não continham os aditivos. Em relação à atividade antioxidante, as amostras com aditivos apresentaram melhores resultados em todos os testes. Concluiu-se que, apesar do teor de fenólicos totais ser maior nas amostras sem aditivos, a presença de aditivos aumentou o potencial antioxidante dos produtos de alho.

  7. Antioxidant activity and phenolic content of agricultural by-products from wine production/ Atividade antioxidante e conteúdo fenólico do resíduo agroindustrial da produção de vinho

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Eugênia Marta Kuskoski

    2008-08-01

    Full Text Available The present work aimed to investigate the antioxidant properties of byproducts derived from wine production. The varieties of PINOT GRIS and COUDERC 13 grapes, collected in Videira-SC, were analyzed as natural sources of polyphenols and other prophylactic agents (antioxidants for application in food and phytochemical industries. The biomass used for extracts was ground and dried in different temperatures (45oC, 60oC e 80oC, using acetone 80% as solvent. The phenolic compounds were quantitatively evaluated by the Folin-Ciocalteu method and the results expressed in mg/100g of Gallic acid. For the flavonoids analysis, it was applied DMACA (p- Dimethylaminocinnamaldehye method and the results were expressed in equivalent mg of catechin/100g sample. The antioxidant activity was evaluated by spectrophotometric method through the discoloration of ABTS•+ radical (2,2'-azino-bis[3- ethylbenzthiazoline-6-sulfonic acid] with potassium persulphate and by DPPH method, which is based on the reduction of DPPH• radical absorbance by antioxidant substances; the results were expressed in TEAC (antioxidant activity equivalent to Trolox and VCEAC (antioxidant activity equivalent to vitamin C. It was observed a better antioxidant activity on extracts obtained from PINOT GRIS grapes, in which the 45 oC dried extracts presented a higher number of phenolic compounds and flavonoids, as well as a better antioxidant activity in both varieties. These information become useful for phenolic compounds identifying and for a possible using of these extracts as a secure additive in food industry.Este trabalho propõe uma investigação do potencial antioxidante do resíduo no processamento de uvas das variedades COUDERC 13 e PINOT GRIS, ambas coletadas em Videira-SC, como fonte natural de polifenóis e outros agentes profiláticos (antioxidantes para aplicação nas indústrias alimentícia e de fitoterápicos. A biomassa utilizada para obtenção dos extratos foi triturada

  8. Vitaminas e antioxidantes na degeneração macular relacionada à idade Vitamins and antioxidants in age-related macular degeneration

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Pedro Durães Serracarbassa

    2006-06-01

    Full Text Available O autor descreve os efeitos bioquímicos e estruturais das vitaminas e antioxidantes na retina. Apresenta as principais substâncias presentes na dieta alimentar e na suplementação vitamínica envolvidas na gênese da degeneração macular relacionada à idade. Relata ainda os resultados de estudos prospectivos multicêntricos relacionados ao assunto, por meio de revisão bibliográfica.The author describes biochemical and structural effects of vitamins and antioxidants on the retina. The main substances present in diet food and vitamin supplies involved in the genesis of age-related macular degeneration are shown. Also reports on the outcomes of prospective studies related to the subject, by literature review are presented.

  9. Avaliação in vitro do potencial antioxidante de frutas e hortaliças In vitro assessment of the antioxidant potential of fruits and vegetables

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Simone Pieniz

    2009-04-01

    Full Text Available O efeito protetor exercido por frutas e hortaliças tem sido atribuído à presença de compostos antioxidantes. Objetivou-se, neste estudo, avaliar in vitro a capacidade antioxidante de um grupo de frutas e hortaliças, cruas e cozidas, através da diminuição da peroxidação lipídica, induzida por ferro em fígado de ratos. Foram utilizados fígados de ratos homogeneizados, que foram submetidos à oxidação pelo ferro. As frutas e hortaliças foram utilizadas como antioxidantes, a fim de combater o estresse oxidativo induzido pelo ferro. O método utilizado neste trabalho foi a Reação ao Ácido Tiobarbitúrico (TBARS, tendo como marcador para avaliar o estresse oxidativo o Malonaldeído (MDA. De acordo com os resultados obtidos, observou-se que houve uma diminuição significativa do estresse oxidativo no grupo das frutas e das hortaliças cruas e cozidas com ferro, quando o fígado foi submetido à oxidação deste micronutriente. No grupo das frutas e das hortaliças cruas e cozidas sem ferro, ocorreu redução significativa do estresse oxidativo, apenas em determinadas frutas e hortaliças. O consumo de uma dieta rica em frutas e hortaliças contribui com a defesa antioxidante do organismo, inibindo danos oxidativos em macromoléculas in vitro.The protector effect of fruits and vegetables has been attributed to the presence of antioxidant compounds. The objective of this study was to evaluate the in vitro antioxidant activity of a group of raw and cooked fruits and vegetables, through the decrease of lipid peroxidation, induced by iron in rat livers. Homogenized liver of rats that were submitted to iron oxidation were used in this experiment. The fruits and vegetables were used as antioxidants, in order to combat the oxidative stress induced by the iron. The method used in this experiment was the thiobarbituric acid reaction (TBARS, with malondialdehyde (MDA used as a marker to evaluate the oxidative stress. In accordance with the

  10. VALOR NUTRICIONAL E EFEITO DO TRATAMENTO TÉRMICO SOBRE O POTENCIAL ANTIOXIDANTE EM FORMULAÇÕES DE MASSA DE MACARRÃO SEM GLÚTEN

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fabiana Rossi HAMACEK

    2013-04-01

    Full Text Available O presente trabalho teve como objetivo desenvolver uma alternativa de produto sem glúten, como a massa de macarrão, com a utilização de misturas de farinhas contendo fécula de batata, amido de milho, farinha de arroz, farinha de feijão e farinha de banana verde. Também se objetivou avaliar o valor nutricional das formulações e o efeito do tratamento térmico sobre a capacidade antioxidante total, fenólicos totais e peroxidação lipídica. Foram elaboradas três massas de macarrão constituídas de ingredientes básicos, farinha de banana verde e farinha de feijão e determinados os teores de umidade, lipídios, cinzas, proteínas, carboidratos e fibra alimentar conforme metodologia da AOAC. A análise do potencial antioxidante foi baseada no teste do DPPH, o conteúdo de fenólicos totais foi determinado utilizando-se o reagente de Folin-Ciocalteau e para determinação da taxa de peroxidação utilizou-se o reagente TBARS. Foi utilizado o delineamento inteiramente casualizado com 2 tratamentos (cru e cozido e 3 repeti- ções. Utilizou-se o teste t pareado (α=5% para avaliação dos fenólicos totais e da peroxidação lipídica e a análise de variância (ANOVA e teste de Duncan (α=5% para comparação de médias entre amostras de macarrões crus e cozidos, separadamente. As massas de macarrão mostraram-se fontes de carboidratos, proteínas e fibra. O potencial antioxidante e o conteúdo de fenólicos totais mostraram- -se maiores nas massas alimentícias cozidas, ao contrário da peroxidação lipídica, o que é um resultado positivo. Os produtos elaborados podem, assim, ser considerados como alternativas viáveis a portadores de doença celíaca, visto suas importantes características tecnológicas e nutricionais.

  11. Composição centesimal, compostos bioativos e atividade antioxidante de frutos de Morinda citrifolia Linn (noni cultivados no Paraná

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    G.F. PALIOTO

    2015-03-01

    Full Text Available O fruto de noni (Morinda citrifolia L. é consumido há milênios na medicina popular polinésia devido aos benefícios nutricionais e terapêuticos. O consumo de noni em outros países, incluindo o Brasil, cresceu vertiginosamente nos últimos anos em decorrência das atividades biológicas atribuídas a ingestão do suco da fruta, principalmente pela propriedade anticâncer. Contudo, a composição química da planta, que está relacionada com suas propriedades biológicas, é determinada pelo seu local de origem, e por influência do clima e do solo onde é cultivada. Neste sentido, este trabalho teve como objetivo analisar a polpa extraída de frutos maduros de noni cultivados em Maringá-PR. A análise da polpa in natura apresentou 89,16% de umidade, 0,75% de cinzas, 2,10% de proteínas, 2,19% de lipídios e 5,81% de carboidratos. Dos compostos bioativos, foram analisados antocianinas (1,39 mg.100 g-1 polpa, flavonoides amarelos (13,01 mg.100 g-1 polpa, carotenóides (0,45 mg.100 g-1 polpa e vitamina C (12,16 mg.100 g-1 polpa. Para fenólicos totais e atividade antioxidante foram preparados diferentes extratos, sendo que os maiores teores de fenólicos totais foram encontrados no extrato aquoso (1143,56 mg equivalente de ácido gálico (EAG.100 g-1, seguido do extrato etanólico (966,96 mg EAG.100 g-1, metanol/acetona (820,88 mg EAG.100 g-1 e metanólico (306,33 mg EAG.100 g-1. Os melhores resultados para antioxidantes, determinado pelo EC50 - concentração do extrato necessária para reduzir 50% do radical DPPH, foram encontrados nos extratos metanol/acetona (EC50 de 25,18 mg.mL-1 e metanólico (EC50 de 25,96 mg.mL-1. A atividade antioxidante dos frutos pode estar relacionada com o conteúdo de vitamina C, uma vez que os extratos com um menor conteúdo de fenóis totais foram aqueles que apresentaram menores valores de EC50.

  12. Evaluación de la actividad antioxidante de extractos de Palicourea guianensis (Rubiaceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Lina Marcela Giraldo Vásquez

    Full Text Available Introducción: la proliferación de radicales libres en el cuerpo humano induce daños oxidativos a las biomoléculas que provocan daños a nivel celular y generan diversas anomalías en el organismo, como arterosclerosis, envejecimiento y cáncer. Actualmente, la búsqueda por moléculas con características antioxidantes es cada vez mayor, donde las plantas representan una de las principales fuentes de compuestos. Objetivo: determinar la actividad antioxidante y el contenido de fenoles de los extractos de diferentes polaridades de la parte aérea de la especie Palicourea guianensis (Rubiaceae. Métodos: para la evaluación de la actividad biológica, se calcularon los valores de concentración media inhibitoria (IC50 de los extractos más activos mediante los métodos de captura de electrones DPPH (2,2-difenil-1-picrilhidracilo y ABTS (ácido 2,2'azinobis-(3-etilbenzotiazolina-6-sulfónico. Adicionalmente, se determinó la concentración de fenoles totales presentes en los extractos a través del método de Folin-Ciocalteu. Resultados: los extractos en acetato de etilo (PgAEF y en agua (PgAF presentaron mayor actividad antioxidante con valores de IC50 de 5 207 y 3 912 mg/L respectivamente. Asimismo, se observó una relación directamente proporcional entre la concentración de fenoles totales presentes en los extractos y la actividad antioxidante exhibida. Conclusiones: las especies de la familia Rubiaceae, especialmente P. guianensis, son una fuente promisoria e importante de metabolitos secundarios con capacidad antioxidante, por lo cual se requieren de mayores estudios que permitan identificar dichas sustancias e integrarlas a programas de terapia antioxidante en el área de la salud.

  13. Aplicación de diversos métodos químicos para determinar actividad antioxidante en pulpa de frutos Aplicação de diversos métodos químicos para determinar atividade antioxidante em polpa de frutas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    E. Marta Kuskoski

    2005-12-01

    maior e, a cada dia, se introduz uma nova fruta tropical, cujas propriedades e características ainda não foram totalmente estudadas. O governo brasileiro tem apoiado o comércio exterior, investindo em feiras que promovem e inserem novos produtos em dezoitos países do mercado Europeu, como a "Brazilian Fruit Festival" que tem por objetivo divulgar frutas in natura, polpas congeladas e sucos processados. A cada dia se publicam novas pesquisas, associando o consumo de frutas com os efeitos benéficos à saúde humana. Este trabalho teve por objetivo determinar o conteúdo de compostos fenólicos totais (FT, estimar as antocianinas totais (AT e a capacidade antioxidante de polpa de frutas comercializadas congeladas, aplicando os métodos espectrofotométricos mais citados para determinar a atividade antioxidante (ABTS, DPPH e DMPD. Determinou-se a atividade antioxidante das polpas de frutas de maior consumo no mercado sul brasileiro (amora, uva, açaí, goiaba, morango, acerola, abacaxi, manga, graviola, cupuaçu e maracujá, aplicando método ABTS com medidas em dois tempos (1 e 7 minutos, DPPH (30 e 60 minutos e DMPD (10 minutos. Os valores TEAC (atividade antioxidante equivalente ao Trolox obtidos oscilam entre valores mínimos e máximos de 2,0 e 67,2 µmol/g aplicando método ABTS, 1,02 e 67,0 µmol/g aplicando DPPH e 4,2 e 46,6 µmol/g aplicando DMPD. A capacidade antioxidante obtida para os métodos ABTS e DPPH está correlacionada com o teor de compostos fenólicos e antocianinas.

  14. Especiarias como antioxidantes naturais: aplicações em alimentos e implicação na saúde Spices as natural antioxidants: their application in food and implication for health

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    P.V Del Ré

    2012-01-01

    Full Text Available O crescente interesse na substituição de antioxidantes sintéticos por naturais em alimentos tem fomentado a pesquisa sobre fontes vegetais, caracterização de matérias-primas e identificação de novos compostos antioxidantes. As reações de oxidação não são uma preocupação exclusiva das indústrias alimentícias, seu estudo é também amplamente necessário para evitar implicações indesejáveis na saúde humana. O objetivo desta revisão, depois de apresentar aspectos gerais sobre a oxidação, é concentrar-se nos benefícios da utilização das especiarias como antioxidantes naturais, em especial as da família Labiatae, amplamente utilizadas na culinária brasileira.The growing interest in replacing synthetic antioxidants by natural antioxidants in food has stimulated research on vegetable sources, raw material characterization and identification of new antioxidant compounds. Oxidation reactions are not an exclusive preoccupation of the food industry; studies regarding this issue are widely necessary in order to prevent undesired implications for human health. The aim of this review, after presenting overall aspects about oxidation, is to concentrate on the benefits of using spices as natural antioxidants, especially those from the Labiatae family, which are widely used in the Brazilian cuisine.

  15. EFECTO ANTIOXIDANTE DE FRUTAS Y HORTALIZAS DE LA ZONA CENTRAL DE CHILE

    OpenAIRE

    Palomo G, Iván; Gutiérrez C, Margarita; Astudillo S, Luis; Rivera S, Carolina; Torres U, Constanza; Guzmán J, Luis; Moore-Carrasco, Rodrigo; Carrasco S, Gilda; Alarcón L, Marcelo

    2009-01-01

    Las especies reactivas del oxígeno (ERO) causan daño celular que se puede expresar como patología, tales como las enfermedades cardiovasculares (ECV) y otras enfermedades crónicas no transmisibles. El organismo humano cuenta con sistemas antioxidantes; algunos provienen de la dieta, especialmente de frutas y hortalizas, otros los genera el mismo organismo de manera endógena. El objetivo de este estudio fue conocer la capacidad antioxidante in vitro de algunas frutas y hortalizas que se consum...

  16. Atividade antioxidante de três espécies de Eugenia (Myrtaceae)

    OpenAIRE

    Magina, Michele A.; Gilioli, Andressa; Moresco, Henrique H.; Colla, Guilherme; Pizzolatti, Moacir Geraldo; Brighente, Inês Maria Costa

    2010-01-01

    A atividade antioxidante dos extratos vegetais de Eugenia brasiliensis, E. beaurepaireana e E. umbelliflora foi avaliada usando diferentes métodos: Determinação da ação sequestrante de radicais livres usando DPPH, determinação do potencial redutor e determinação do potencial inibidor da peroxidação lipídica. Foi correlacionado também a o conteúdo de fenólicos totais e de flavonóides contidos nestes extratos e frações com a atividade antioxidante. As espécies E. brasiliensis e E. beaurepairean...

  17. Atividade do sistema antioxidante e desenvolvimento de aerênquima em raízes de milho 'Saracura' Antioxidant system activity and aerenchyma formation in 'Saracura' maize roots

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fabricio José Pereira

    2010-05-01

    Full Text Available Este trabalho teve como objetivo avaliar a influência de sucessivos ciclos de seleção do milho 'Saracura' na atividade das enzimas do sistema antioxidante, e a relação dessas enzimas com a capacidade dessa variedade em desenvolver aerênquima. Sementes de 18 ciclos de seleção intercalados do milho 'Saracura' e da cultivar BR 107, sensível à hipoxia, foram semeadas em vasos e em casa de vegetação. As plantas foram submetidas ao alagamento intermitente de dois em dois dias. As amostras de raízes foram coletadas após 60 dias e analisaram-se as atividades das enzimas peroxidase do guaiacol, peroxidase do ascorbato e catalase, além da capacidade das plantas de cada ciclo desenvolverem aerênquima. Ao longo dos ciclos, as plantas apresentaram modificações na atividade das enzimas, com aumento na de peroxidase do ascorbato e diminuição na de catalase e de peroxidase do guaiacol. Observou-se, ainda, maior capacidade de desenvolver aerênquima nos últimos ciclos de seleção. A redução na atividade das enzimas do sistema antioxidante parece estar relacionada a um desbalanço na decomposição de H2O2.This work aimed to assess the influence of successive selection cycles in 'Saracura' maize on the enzyme activity of the antioxidant system and the relationship of these enzymes with the aerenchyma development capacity of this variety. Seeds of 18 intercalated selection cycles of the 'Saracura' maize and of the cultivar BR 107, sensitive to hipoxia, were sown in pots in the greenhouse. Plants were submitted to intermittent soil flooding each two days. After 60 days, the roots were sampled and analysis were done for the guaiacol peroxidase, ascorbate peroxidase, and catalase activities and for the capacity of the plants of each cycle to develop aerenchyma. The plants showed modifications in enzyme activity along the cycles, increasing the ascorbate peroxidase activity and decreasing the catalase and guaiacol peroxidase ones. A greater

  18. Stomatal behavior and components of the antioxidative system in coffee plants under water stress Comportamento estomático e componentes do sistema antioxidante em cafeeiros sob estresse hídrico

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Sidnei Deuner

    2011-02-01

    não foi estudada. Avaliou-se o movimento estomático e a capacidade antioxidante em mudas de cafeeiro sob diferentes regimes hídricos. Mudas de cafeeiro cv. Catuaí IAC 99, com oito meses de idade, foram submetidas à capacidade de campo, suspensão gradativa e suspensão total da irrigação por um período de 21 dias. Foram realizadas avaliações do potencial hídrico (Ψw foliar na antemanhã e resistência estomática, taxa transpiratória e déficit de pressão de vapor foram avaliados as 10h00 e 17h00. As determinações bioquímicas e enzimáticas foram realizadas em folhas coletadas às 17h00. Todas as avaliações e coletas foram realizadas em intervalos de três dias. Nas plantas em capacidade de campo não houve variação no Ψw durante o período de avaliação. Para a suspensão gradativa da irrigação, houve queda expressiva a partir dos 12 dias, chegando próximo a -2,5 Mpa, ao final do experimento. Já nas plantas em suspensão total da irrigação observou-se queda no Ψw a partir do sexto dia, chegando a -2,5 MPa aos 15 dias. A queda no Ψw para as plantas em suspensão gradual e total da irrigação refletiu em aumentos na resistência estomática e diminuição da taxa transpiratória, ocasionando aumento na formação de peróxido de hidrogênio e nos períodos finais, aumentos na peroxidação de lipídios. Em conseqüência obervaram-se aumentos na atividade das enzimas antioxidantes, bem como nos teores de ascorbato e dehidroascorbato, atuando na detoxificação dos radicais livres formados em função do estresse.

  19. Efeitos do herbicida lactofen sobre três cultivares de soja I. Alterações morfológicas externas e internas de folhas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    C.F. Damião Filho

    1992-01-01

    Full Text Available O lactofen, herbicida do grupo dos difenil éteres, é indicado para uso na cultura da soja, em pós-emergência, devido sua eficácia no controle de plantas daninhas latifoliadas. No presente trabalho, conduzido em casa-de-vegetação, foram utilizadas as cultivares de soja Foscarin-31, IAC-8 e IAC-9, tratadas com lactofen nas doses 0,018 e 0,36 kg de lactofen i.a./ha, aplicadas quando as plantas apresentavam a Segunda folha composta totalmente expandida. Aos quatro e doze dias após as aplicações, foram analisadas e descritos os sinais macroscópicos e microscópicos de intoxicação nos folíolos das folhas. Os resultados indicaram que o lactofen ocasionou expressivas alterações morfológicas externas e internas das folhas, nos locais onde foi depositado, e que a dose maior acentua os efeitos do produto sobre as plantas, sendo que as cultivares de soja apresentaram diferentes graus de sensibilidade ao produto.Lactofen, a diphenil ether herbicide, is indicated for use in soybean crop, at post-emmergence, due to its efficacy on broad-leaf weed control. In the present assay, under greenhouse conditions, soybean cultivars as Foscarin-31, IAC-8 and IAC 9 were used. The herbicide was applyed at the 2nd whole expanded composed leaf stage at 0, 0.18 and 0,36 kg of lactofen a.i./ha. At four and twelve days after applications, external and internal morphological aspects on the attainned leaves were evaluate. Results showed that the lactofen generally raised injurious effects in the loci where it was deposited. Sensitivity of the three tested soybean cultivars to the herbicide was different.

  20. Vitaminas antioxidantes e prevenção da arteriosclerose na infância Antioxidant vitamins and prevention of atherosclerosis in childhood

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Adriana Boni

    2010-12-01

    Full Text Available OBJETIVO: Revisar os potenciais efeitos antioxidantes das vitaminas A, C e E na prevenção do desenvolvimento da arteriosclerose na infância, com ênfase na prevenção da dislipidemia. FONTES DE DADOS: Pesquisa bibliográfica em revistas científicas, livros técnicos e publicações de órgãos oficiais dos últimos 20 anos. Utilizaram-se as bases de dados Lilacs, SciELo e Medline em português, inglês e espanhol, com as palavras-chave: "antioxidantes", "arteriosclerose", "dislipidemias", "peroxidação de lipídeos", "infância", "vitamina A", "vitamina C" e "vitamina E". SÍNTESE DE DADOS: A prevalência de dislipidemia na infância e na adolescência mostra frequência crescente, provavelmente relacionada às mudanças dos hábitos alimentares e à redução na prática de atividades físicas. O elevado nível plasmático da lipoproteína de baixa densidade (LDL-c é fator de risco para o desenvolvimento da arteriosclerose. O consumo de frutas, verduras e legumes, ricos em antioxidantes, é um dos fatores de maior importância na prevenção da peroxidação lipídica. A baixa ingestão dessas fontes naturais de antioxidantes sugere a necessidade de intervenção nutricional para atingir as metas diárias de consumo de vitaminas A, C e E, não sendo preconizada a sua suplementação medicamentosa. CONCLUSÕES: O pediatra e o nutricionista devem orientar as famílias sobre o consumo de alimentos saudáveis, principalmente frutas, verduras e legumes, por seu potencial efeito antioxidante, especialmente nos primeiros anos de vida.OBJECTIVE: To review the potential antioxidant effects of vitamins A, C and E in the prevention of atherosclerosis development during childhood, emphasizing the prevention of dyslipidemia. DATA SOURCES: Bibliographic search in scientific journals, technical books and official publications of the last 20 years. Lilacs, SciElo and Medline databases were searched for articles in Portuguese, Spanish and English using a

  1. Respostas fisiológicas de folhas de couve minimamente processadas Physiological response of kale leaves minimally processed

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marcelo Augusto G. Carnelossi

    2005-06-01

    Full Text Available Verificou-se a taxa respiratória, a produção de etileno de folhas de couve intactas e minimamente processadas, e a influência do horário de colheita, do resfriamento rápido e da temperatura de sanitização sobre a conservação do produto minimamente processado. Folhas de couve totalmente desenvolvidas foram colhidas às sete e às 14 horas, na horta da UFV, entre 1996 e 2000. O processamento foi realizado logo após a colheita e após a refrigeração (6±1ºC por 8 h. Amostras (200 g foram acondicionadas em embalagens de poliolefina multicamada, armazenadas a 5±2ºC por 15 dias e foram avaliadas quanto aos teores de vitamina C e atividade de polifenoloxidase (PPO. A taxa respiratória e produção de etileno foram determinadas em folhas intactas e minimamente processadas colocadas em bandejas plásticas e frascos de vidros hermeticamente fechados, e armazenadas durante 24 horas a 1; 5; 10 e 25ºC. A taxa respiratória e a evolução de etileno das folhas de couve inteira aumentaram imediatamente após destacamento da planta mãe. O fatiamento aumentou a taxa respiratória da folha em aproximadamente duas vezes. O aumento da temperatura influenciou significativamente (PThe respiratory rate and ethylene production were evaluated in whole and minimally processed kale leaves and, the influence of harvest time, of fast cooling and sanitization temperature on the conservation of the minimally processed product. Totally developed kale leaves were harvested at 7 and 14 o'clock in the field, during the years 1996 and 2000. Processing was carried out soon after harvest and subsequent refrigeration (6±1ºC for 8 h. Samples (200 g were conditioned in multilayer poliolefina packing, stored at 5±2ºC for 15 days and evaluate for vitamin C and polifenoloxidase (PPO activity. The respiratory rate and production of ethylene were determined in whole leaves as well as in minimally processed ones, packed in plastic trays and glass jars hermetically

  2. Composição de bagas de 'Niágara Rosada' e 'Folha-de-Figo' relacionadas ao sistema de condução

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Renata Vieira da Mota

    2010-12-01

    Full Text Available RESUMO Este trabalho teve como objetivo avaliar a influência do sistema de condução na qualidade de bagas de uvas 'Niágara Rosada' e 'Folha-de-Figo' cultivadas em Caldas-MG. Foram avaliados a produção por planta, o diâmetro, a massa, o teor de potássio e a temperatura das bagas, pH, teor de sólidos solúveis, açúcares redutores, acidez total e ácidos orgânicos do mosto, compostos fenólicos nas cascas e sementes, e antocianinas. As plantas foram conduzidas em espaldeira, lira, latada ou cordão simples, e os frutos, avaliados nas safras de 2006 e 2007. As videiras de 'Niágara Rosada' cultivadas em latada e 'Folha-de-Figo' em lira apresentaram produção significativamente superior aos demais sistemas de condução. Em todos os casos, as bagas apresentaram temperatura inferior à ambiente, indicando sombreamento completo ou parcial dos cachos. No sistema latada, houve menor acúmulo de sólidos solúveis e açúcares redutores nas duas cultivares. Estes resultados preliminares indicam que a composição das bagas foi pouco influenciada pelo sistema de condução.

  3. Avaliação de parâmetros antioxidantes em ratos tratados com sevoflurano Evaluación de parámetros antioxidantes en ratones tratados con sevoflurano Evaluation of antioxidant parameters in eats treated with sevoflurane

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Francisco J. L Bezerra

    2010-04-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: O sevoflurano é um éter halogenado com flúor que sofre biotransformação hepática através do citocromo P450 2E1. Éteres halogenados que sofrem biotransformação pelo P450 2E1 podem produzir espécies reativas do oxigênio (ERO e promover enfraquecimento do sistema de defesa antioxidante. O objetivo deste trabalho foi investigar a relação entre a atividade das enzimas antioxidantes eritrocitárias e o sevoflurano. MÉTODO: Os animais foram distribuídos em quatro grupos: Grupo 1 controle: apenas oxigênio a 100% (1 L.min-1 por 60 minutos durante 5 dias consecutivos; Grupo 2 - sevoflurane 4,0% em oxigênio a 100% (1 L.min-1 por 60 minutos durante 5 dias consecutivos; Grupo 3 - isoniazida (i.p., 50 mg.kg-1 de peso corporal /dia, durante 4 dias e em seguida tratados apenas com oxigênio a 100% (1 L.min-1 por 60 minutos durante 5 dias consecutivos; Grupo 4 - isoniazida por via intraperitoneal na dose de 50 mg.kg-1 de peso corporal, diariamente durante 4 dias, seguido da administração do sevoflurane a 4,0% em oxigênio a 100% (1 L.min-1 por 60 minutos durante 5 dias. Após 12 horas da última exposição ao sevoflurane, os animais foram sacrificados e o sangue foi coletado através da veia porta para análise da atividade das enzimas antioxidantes. RESULTADOS: Aumento da atividade específica da glicose-6-fosfato desidrogenase, diminuição da atividade específica da catalase, principalmente no grupo de animais pré-tratados com isoniazida e, em seguida, tratados com sevoflurano. A glutationa peroxidase não apresentou alteração na sua atividade. CONCLUSÕES: A interação do sevoflurano com indutores enzimáticos do citocromo P450 2E1 pode propiciar a instalação do estresse oxidativo caso a exposição se torne prolongada e repetitiva.JUSTIFICATIVA Y OBJETIVOS: El sevoflurano es un éter halogenado con flúor que sufre una biotransformación hepática a través del citocromo P450 2E1. Los

  4. Capacidade antioxidante da microalga Spirulina platensis em células da levedura Saccharomyces cerevisiae submetidas ao estressor paraquat

    OpenAIRE

    Guarienti, Cíntia; Bertolin, Telma Elita; Costa, Jorge Alberto Vieira

    2010-01-01

    Em virtude de várias publicações terem mostrado a alta associação entre a geração de radicais livres e as doenças crônico-degenerativas, tem havido grande interesse por alimentos funcionais antioxidantes. O excesso de espécies reativas no organismo resulta em estresse oxidativo que provoca danos celulares e teciduais. A microalga Spirulina tem sido pesquisada em função de suas propriedades nutricionais e antioxidantes. O objetivo desse trabalho foi de avaliar a atividade antioxidante da mi...

  5. Elaboración de un alimento rico en antioxidantes y evaluación de su efecto en humanos

    OpenAIRE

    Rodríguez García, Iker

    2015-01-01

    El salvado de arroz es un subproducto poco aprovechado en la elaboración de alimentos, es altamente nutritivo y rico en antioxidantes, que le confieren gran capacidad antioxidante total (CAT in vitro). Actualmente el sobrepeso, la obesidad y la diabetes, son enfermedades crónicas en aumento; donde los antioxidantes presentes en el salvado de arroz son importantes para contribuir en la prevención y el control de las mismas. Sin embargo, aún no se sabe con certeza si su CAT in vitro, se ve refl...

  6. Actividad citotóxica y antioxidante de Petiveria alliacea L.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    R. Pérez-Leal

    2006-01-01

    Full Text Available Petiveria alliacea (Phytolaccacea, planta herbácea de gran importancia en la herbolaria tradicional mexicana y latinoamericana, ha sido usada como antirreumático, abortivo, antipirético, anticancerígeno, antiinflamatorio. Adicionalmente, se le atribuye actividad insecticida y acaricida, debido probablemente a la presencia de compuestos derivados de azufre. Aunque se han detectado algunos flavonoides, se desconoce su actividad antioxidante. El objetivo que se planteó en el presente trabajo fue evaluar su actividad citotóxica en cinco líneas celulares y antioxidante. La evaluación citotóxica de varios extractos se llevó a cabo en cinco líneas celulares según al método propuesto por Monks. La actividad antioxidante de diferentes extractos de hoja y de raíz se realizó de acuerdo al método descrito por Blois. De los cinco extracto probados, el extracto acuoso fue el que mostró mayor efecto citotóxico en la línea celular de leucemia, con una inhibición de 70.1 % a la concentración 100 µM. El extracto butanólico de hoja presentó efecto antioxidante siendo la concentración inhibitoria media (CI50 de 264.54 µl⋅mg-1

  7. Determinação do potencial antioxidante in vitro de frutos do Cerrado brasileiro

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Mônica Lopes Morais

    2013-06-01

    Full Text Available Extratos em metanol e acetona de diferentes espécies do Cerrado, semente de Solanum lycocarpum A. St.-Hil (Lobeira, polpa de Byrsonima verbascifolia (L. DC. (Murici, epicarpo e mesocarpo de Caryocar brasiliense Cambess (Pequi e pendúculo de Cipocereus minensis F. Ritter (Quiabo-da-lapa foram submetidos a ensaios antioxidantes in vitro para avaliar a capacidade de sequestrar os radicais orgânicos DPPH e ABTS.+, reduzir o ferro (FRAP e/ ou inibir a peroxidação lipídica (β-caroteno. Todas as amostras apresentaram considerável atividade antioxidante, embora em diferentes proporções, destacando-se o mesocarpo de Caryocar brasiliense como o responsável pela maior atividade antioxidante por captura de radicais livres (DPPH e ABTS e poder de redução do metal (FRAP e o pendúnculo de Cipocereus minensis frente à inibição da peroxidação lipídica (B-caroteno. Os frutos estudados podem ser considerados fontes potenciais de antioxidantes naturais e podem ser explorados como aditivos alimentares promissores para a prevenção de doenças, bem como para a manutenção da saúde.

  8. ELABORAÇÃO DE PRODUTO CÁRNEO DE TILÁPIA COM ANTIOXIDANTES VISANDO SUA UTILIZAÇÃO COMO RECHEIO OU ACOMPANHAMENTO DA REFEIÇÃO

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Gisele LAROSA

    2012-12-01

    que continha sálvia. Os valores das Bases Nitrogenadas Voláteis Totais (BNVT de 11,41 a 12,35 mgN.100g-1, não foram alterados. Os ingredientes utilizados nas formulações dos recheios não influenciaram os parâmetros analisados. No produto cárneo não foi detectada presença de Salmonella e os resultados para estafilococos coagulase positiva ficaram dentro dos padrões legais Pelas análises sensoriais, as formulações com orégano e propil galato foram as que mais agradaram os provadores. Os resultados mostraram a possibilidade de se elaborar recheios com CMS de tilápia + corte em “v” como uma alternativa para o consumo de alimentos a base de pescado e a sálvia é o antioxidante natural mais eficiente para retardar as reações de oxidação.

  9. Avaliação da qualidade de amostras comerciais de folhas e tinturas de guaco

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Flavia C. R. Alvarenga

    Full Text Available O mercado brasileiro de fitoterápicos encontra-se em crescente expansão, porém a falta de padronização e a má qualidade da matéria-prima vegetal constituem um problema crucial na produção de fitoterápicos de qualidade. Neste trabalho, foram avaliadas drogas vegetais constituídas de folhas (amostras A, B, C e tinturas (amostras D, E, F de guaco, adquiridas no Mercado Central e em farmácias de manipulação de Belo Horizonte, respectivamente. Realizaram-se testes físicoquímicos de caracterização organoléptica, determinação de matéria estranha, teores de água e cinzas totais para as amostras de drogas vegetais e caracterização organoléptica, medidas de pH e de densidade para as amostras de tinturas. Foram obtidos os perfis cromatográficos por CCD e CLAE-FR e fez-se a quantificação da cumarina (marcador químico, por CLAE-FR. As amostras analisadas apresentaram um ou mais dos parâmetros avaliados fora dos valores preconizados pela farmacopéia brasileira, evidenciando-se a necessidade da realização do controle de qualidade de matérias-primas vegetais, para se obter medicamentos fitoterápicos de qualidade, eficientes e seguros.

  10. Caracterização anatômica e histoquímica de raízes e folhas de plântulas de Anacardium occidentale L. (Anacardiaceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ana Luísa Lopes Ernesto Reis

    2014-04-01

    Full Text Available Anacardium occidentale L. (Anacardiaceae é uma espécie típica do Cerrado do Brasil Central e possui valor socioeconômico. Objetivou-se caracterizar anatômica e histoquimicamente as raízes e folhas desta espécie em diferentes estádios iniciais de desenvolvimento. Para a caracterização anatômica, as amostras foram fixadas em FAA50, incluídas em parafina e submetidas aos procedimentos usuais para microscopia de campo claro. Foram realizados testes histoquímicos para detecção de lipídios totais, taninos, lignina, amido e terpenoides com grupo carbonila nas folhas, bem como teste para amido nas raízes em cortes frescos. A raiz apresenta epiderme unisseriada, floema com canais secretores e xilema tetrarco. Aos cinco dias após a germinação, a planta apresenta regiões com crescimento secundário e possui região medular na raiz, com função de armazenamento de grãos de amido. As folhas exibem epiderme unisseriada, com tricomas glandulares, cutícula espessa e estômatos paracíticos, em ambas as faces. O mesofilo é dorsiventral, e a nervura central apresenta feixes vasculares colaterais com canais secretores associados ao floema. A caracterização histoquímica da folha evidenciou lipídios totais e compostos fenólicos, entre eles taninos e lignina, em diferentes tecidos da folha. A plântula apresenta características que demonstram sua adaptação ao ambiente Cerrado, como cutícula espessa, mesofilo dorsiventral, crescimento secundário e presença de tricomas, mesmo sendo cultivada em condições de viveiro.

  11. Avaliação do teor de antioxidantes, flavonoides e compostos fenólicos em preparações condimentares

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    G.M. MENDES

    2015-06-01

    Full Text Available RESUMO:Plantas condimentares são amplamente utilizadas na culinária como alimento funcional. Pacientes hipertensos, que retiram o sal de cozinha (NaCl de sua alimentação, relatam que os alimentos "perdem" o sabor. Visando alternativas para substituir o sal e melhorar a palatabilidade das preparações alimentares de pacientes hipertensos, o objetivo deste estudo foi desenvolver temperos à base de plantas medicinais e analisar os teores de compostos fenólicos, flavonoides e atividade antioxidante destes. Plantas (coentro, salsa, orégano, alecrim, manjericão, alho, cebola cultivadas organicamente em Viçosa (MG foram processadas e os temperos foram desenvolvidos a partir de combinação destas espécies, de acordo com teste aceitabilidade sensorial afetivo por meio de escala hedônica. Foram definidos três temperos, dos quais foram feitos extratos metanólicos por remaceração até esgotamento. Nas dosagens utilizou-se DPPH na avaliação da atividade antioxidante; reagente de Folin-Ciocalteu para compostos fenólicos e vanilina clorídrica para flavonoides. As análises foram feitas com quatro repetições e os resultados submetidos à análise de variância e teste de média a 5% de significância. Na aceitação subjetiva dos temperos a nota média foi 7,07±1,09 e 8,0±0,93 na ação afetiva como alimento. O teor mais elevado de compostos fenólicos foi no tempero 2 (alho, salsa e manjericão (55,04±4,307 mg/mL, a maior ação antioxidante foi no tempero 1 (alho, cebola, coentro e orégano nos tempos 0 (48,72% e 30 minutos (78,37%. Os teores de flavonoides foram semelhantes nos 3 temperos. Todos os temperos tiveram boa aceitação por pacientes hipertensos e mostraram-se promissores na substituição dos condimentos convencionais.

  12. Micronutrientes e capacidade antioxidante em adolescentes sedentários e corredores Micronutrients and antioxidant capacity in sedentary adolescents and runners

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Karla de Jesus Fernandes de Oliveira

    2007-04-01

    Full Text Available OBJETIVO: Este estudo objetivou comparar a composição corporal, a ingestão dietética, os índices bioquímicos de micronutrientes antioxidantes e a capacidade antioxidante em adolescentes sedentários (n=15 e corredores (n=18, pós-púberes. MÉTODOS: A composição corporal foi aferida por meio das dobras cutâneas, massa corporal total e estatura; a ingestão de micronutrientes foi determinada através de freqüência de consumo alimentar e os indicadores bioquímicos por coleta de sangue em jejum. Em sangue total foram determinados hematócrito e hemoglobina; em plasma, testosterona, alfa-tocoferol, cobre, zinco, e ceruloplasmina; em eritrócitos, fragilidade osmótica, zinco, Cu-Zn superóxido dismutase e metalotioneína. RESULTADOS: A capacidade antioxidante, a ingestão dietética e a composição corporal foram similares, exceto o somatório de dobras cutâneas, que foi menor nos corredores (pOBJECTIVE: The aim of this study was to compare body composition, biochemical indices of antioxidant micronutrients, intake and nutritional status and antioxidant capacity in post-puberty sedentary adolescents (n=15 and runners (n=18. METHODS: Skin-fold measurements, total body mass and height were used for anthropometric evaluation and a food frequency questionnaire for assessment of micronutrient intake. Biochemical indices measured after an overnight fast included: blood hemoglobin and hematocrit; plasma testosterone, a-tocopherol, copper, zinc and ceruloplasmin; and in erythrocytes, osmotic fragility, zinc, Cu-Zn superoxide dismutase and metallothionein. RESULTS: Indices of antioxidant capacity, dietary intake, and body composition were not different between the groups, except for the sum of skin-folds that was lower in runners (p<0.05. Most adolescents had vitamin E intakes lower than nutritional recommendations. Plasma levels of copper and zinc were, on average, adequate. Copper levels were similar in both groups and zinc levels were higher

  13. Antioxidant activity in vivo and in vitro of Halimeda incrassata aqueous extracts Atividade antioxidante in vivo e in vitro de extratos aquosos da Halimeda incrassata

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    F. Rivero

    2003-08-01

    Full Text Available The aim of the present paper was to provide the evidences for the antioxidant activity in Halimeda incrassata (Ellis Lamouroux aqueous extracts obtained after simple water extraction of the fresh algae at room temperature (23°C. Previously in the literature, only antioxidant activity associated to carotenoids fractions of seaweeds has been reported. From different species of seaweeds, Halimeda incrassata aqueous extract exhibited the highest antioxidant activity on the inhibition of TBARS formed during the spontaneous lipid peroxidation of rat brain homogenates with an IC50 of 0.340mg.mL-1. Halimeda incrassata aqueous extract (0.5mg.mL-1, was also capable of decreasing the in vitro generation of hydrogen peroxide by two distinct metabolic pathways involving glutamic and malonic acids. Also, Halimeda incrassata (at doses of 50, 100 and 200mg.Kg-1 showed a neuroprotective effect in vivo on the gerbil model of bilateral carotid occlusion because of decreasing the locomotor and exploratory activity induced by ischemia. In summary, Halimeda incrassata aqueous extracts exhibit antioxidant properties in different in vitro as well as in vivo models which could be explained by the presence of several hydrosoluble compounds. Further studies on this way are necessary to elucidate the precise structure of these compounds. Low toxicity of most seaweeds to humans, but particularly of Halimeda genus may favor its use as functional food.O presente trabalho teve por objetivo apresentar as evidências da atividade antioxidante de extratos aquosos da Halimeda incrassata Ellis Lamoroux obtidos a partir da alga a temperatura ambiente (23°C. A literatura apresenta somente a atividade antioxidante de algas oceânicas associada à frações de carotenóides. Das diferentes espécies de algas oceânicas o extrato aquoso da Halimeda incrassata apresentou a atividade antioxidante mais elevada medida pela inibição da formação de TBARS, durante a peroxidação lip

  14. Contribuição de folhas na formação da serrapilheira e no retorno de nutrientes em floresta de transição no norte de Mato Grosso

    OpenAIRE

    Silva,Carlos José da; Lobo,Francisco de Almeida; Bleich,Monica Elisa; Sanches,Luciana

    2009-01-01

    Este estudo foi desenvolvido numa área de floresta de transição Amazônia-Cerrado no norte de Mato Grosso. Teve como objetivo quantificar a dinâmica da produção e acúmulo e as partes constituintes da serrapilheira, bem como a participação das folhas no retorno do nitrogênio, fósforo e carbono ao solo por meio da decomposição. Foram coletados mensalmente durante um ano dados de serrapilheira total produzida, serrapilheira total acumulada no solo e avaliada a decomposição de folhas no período de...

  15. Maturation curves and degree-days accumulation for fruits of 'Folha Murcha' orange trees Curvas de maturação e graus-dia acumulados para frutos de plantas de laranjeira 'Folha Murcha'

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Neusa Maria Colauto Stenzel

    2006-06-01

    Murcha' enxertadas em limão 'Cravo', limão 'Volcameriano', tangerina 'Sunki' e tangerina 'Cleópatra', em Paranavaí e Londrina, PR. Para os dois locais e em todos os porta-enxertos, os frutos apresentaram evolução do teor de sólidos solúveis totais (SST em relação ao acúmulo de graus-dia com ajuste de tendência quadrática da curva de regressão; a acidez titulável total (ATT com ajuste quadrático inverso e o ratio (SST/ATT regressão linear positiva. Os frutos em Paranavaí apresentaram maior índice de maturação do que em Londrina para todos os porta-enxertos, com antecipação do ponto inicial de maturação na seguinte ordem: limão 'Volcameriano' (92 dias, tangerina 'Cleópatra' (81 dias, tangerina 'Sunki' (79 dias, limão 'Cravo' (77 dias. Em Londrina, as plantas sobre os limões 'Cravo' e 'Volcameriano' apresentaram início da colheita 8 e 15 dias antes daquelas nas tangerinas 'Cleópatra' e 'Sunki', respectivamente. Em Paranavaí, o início da maturação dos frutos das plantas em limão 'Volcameriano' ocorreu 15, 19 e 28 dias mais precoce que o limão 'Cravo', tangerina 'Cleópatra' e tangerina 'Sunki', respectivamente. A soma térmica para o crescimento e maturação dos frutos de laranja 'Folha Murcha' variou de 4.462 a 5.090 GDA.

  16. ÁCIDOS FENÓLICOS E ATIVIDADE ANTIOXIDANTE EM FRUTO DE PHYSALIS PERUVIANA L

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ismael Ivan ROCKENBACH

    2009-06-01

    Full Text Available

    Physalis peruviana (physalis é uma fruta exótica com produção crescente no Brasil, havendo poucos trabalhos científicos realizados sobre a mesma. O objetivo deste estudo foi investigar o potencial antioxidante da fruta physalis e seu perfil de ácidos fenólicos. Foram determinados o conteúdo total de compostos fenólicos através do método Folin-Ciocalteau e a atividade antioxidante através do método ABTS (2,2´azino-bis-3-etilbenzotiazolin 6-ácido sulfônico em diferentes extratos. O perfil de ácidos fenólicos presentes em diferentes frações na fruta também foi determinado. O teor de compostos fenólicos totais obtido para o extrato metanólico foi de 57,9 mg GAE 100g-1 fruta fresca e a atividade antioxidante de 31 μMol g-1. Foram encontrados 10 ácidos fenólicos nas três frações avaliadas, predominando os ácidos salicílico e protocatequínico. A fração de ácidos fenólicos esterificados solúveis apresentou maior conteúdo de fenólicos totais (346,1 mg 100g-1 refletindo na maior atividade antioxidante, expressa como valor TEAC (185,3 μMol 100g-1. Os resultados obtidos mostraram alto conteúdo de fenólicos totais e considerável atividade antioxidante para o fruto physalis, comparáveis a diversas outras frutas tradicionalmente consumidas no Brasil. Assim, o fruto physalis pode ser considerado uma boa fonte de compostos antioxidantes naturais.

  17. Atividade de extrato aquoso de folhas de nim (Azadirachta indica sobre Spodoptera frugiperda Activity of neem tree (Azadirachta indica leaves aqueous extract on Spodoptera frugiperda

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Hélio Teixeira Prates

    2003-03-01

    Full Text Available A lagarta-do-cartucho do milho (Spodoptera frugiperda (J. E. Smith tem sido controlada com inseticidas sintéticos. Uma das caracteristicas do nim (Azadirachta indica A. Juss é sua atividade inseticida contra pragas, como sucedâneo aos sintéticos. O objetivo deste trabalho foi avaliar a atividade inseticida do extrato aquoso das folhas do nim sobre a lagarta-do-cartucho do milho, em laboratório. Bioensaios com diferentes concentrações de extrato em dieta artificial, tendo o inseticida chlorpyrifos como testemunha, revelaram, 15 dias após infestação com larvas, eficiência equivalente entre as concen- trações 3,60 a 10,00 mg mL-1. A análise de Probit mostrou CL50 = 2,67 mg mL-1; o extrato aquoso das folhas de nim apresenta, portanto, efeito inseticida sobre a lagarta-do-cartucho do milho.The fall armyworm (Spodoptera frugiperda (J. E. Smith has been controlled with synthetic insecticides bringing risk to the environment. Neem (Azadirachta indica A. Juss is reported to be a natural alternative to synthetic insecticides against many insect species. The objective of this work was to evaluate the activity of neem leaves aqueous extract on fall armyworm, in laboratory. Bioassays carried out using artificial feed with various extract concentrations, and chlorpyrifos as control, indicated, 15 days after larvae infestation, similar efficiency in concentrations from 3.60 to 10.00 mg mL-1. Probit analysis showed LC50 = 2.67 mg mL-1. Hence, aqueous extract from neem leaves are active against fall armyworm.

  18. Efeito tóxico dos praguicidas maneb e paraquat sobre a atividade da enzima antioxidante catalase em ratos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    M. D. Arbo

    2009-01-01

    Full Text Available

    Os radicais livres estão envolvidos em um grande número de enfermidades do ser humano. O cérebro tem níveis baixos de enzimas antioxidantes e um conteúdo lípidico elevado, tornando-se muito susceptível ao ataque de espécies reativas de oxigênio. Neste trabalho avaliou- se a lipoperoxidação em hipocampo e a atividade da enzima catalase em estriado e hipocampo de ratos tratados com o fungicida maneb (30 mg/kg e o herbicida paraquat (10 mg/kg. Não houve alteração na lipoperoxidação nem na atividade enzimática no hipocampo dos animais tratados com ambos os praguicidas, porém foi observada uma inibição da catalase no estriado dos ratos tratados com maneb e com paraquat. Com estes resultados pode-se sugerir, de forma preliminar, uma ação tóxica maior sobre centros dopaminérgicos. Estudos sobre a toxicidade destes compostos são essenciais na compreensão do papel destes praguicidas e dos radicais livres na etiologia das doenças. Palavras-chave: catalase; paraquat; maneb; estriado; hipocampo; radicais livres.

  19. Improving meat quality through natural antioxidants Mejoramiento de la calidad de carne utilizando antioxidantes naturales

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Valeria Velasco

    2011-06-01

    Full Text Available Nowadays, consumers are demanding more natural foods, obliging the industry to include natural antioxidants in foods. Natural antioxidants have been used instead of synthetic antioxidants to retard lipid oxidation in foods to improve their quality and nutritional value. This review discusses some aspects of recent research on antioxidant activity of plant extracts and natural compounds to improve meat quality. Many herbs, spices, and their extracts have been reported as having high antioxidant capacity, such as some plants of the Lamiaceae family, e.g., oregano (Origanum vulgare L., rosemary (Rosmarinus officinalis L., and sage (Salvia officinalis L.. The antioxidant activity of these plants is attributed to their phenolic compound content, which includes volatile compounds also known as essential oils. Several factors that cause some differences on the antioxidant activity of plant extracts include: type of solvent used during extraction, measurement method, and number of samples. Some studies have demonstrated that shelf-life and meat quality can be improved by using natural antioxidants in some stages of meat production. The main effects of these compounds are reducing microbial growth and lipid oxidation during storage. Nevertheless, more research is needed to determine antimicrobial activity of natural antioxidants in meat during storage, identify the main metabolic pathway of these compounds, and its effect on other meat quality parameters.Actualmente los consumidores están demandando alimentos más naturales, lo cual ha causado el interés de la industria de incluir antioxidantes naturales en los alimentos para retardar la oxidación de los lípidos, mejorar su calidad y valor nutricional, reemplazando los antioxidantes sintéticos. En esta revisión se discuten algunos aspectos de las investigaciones más recientes acerca de la actividad antioxidante de extractos vegetales y compuestos naturales y su uso para mejorar la calidad de carne

  20. Influence of leaf and base lesion of herbaceous cutting in the guava rooting of the selection 8501-9 / Influência de folhas e lesões na base de estacas herbáceas no enraizamento de goiabeira da seleção 8501-9

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Sérgio Ruffo Roberto

    2010-07-01

    Full Text Available With the objective of evaluate the potential of rooting of the selection of guava tree 8501-9 were using herbaceous cutting with 10-12 cm of length in two make of the prepared (simple cut without lesions and cambium exposition, and three suppression intensity of the leaves (without leaves, with half leaves and intact leaves. The experimental design was completely randomized with five repetitions in factorial arrangement 2 x 3, with ten cutting for parcel. After the preparation with IBA the cutting had been placed to rooting in plastic box (44 x 30 x 7 cm with carbonized rice hulls, in camera of nebulization. After 78 days, evaluated the leaf retention, survive of the cutting, the number of cutting roots and of roots, the length and fresh and dry mass of the roots. The interaction between lesions and presence of leaves was not significant, indicating like this factors act in independent form in relation the study factors. The leaves suppression resulted in cutting death. The cambium exposition not proportion vantage on root cutting herbaceous. For the gotten results it was observed that the interaction between lesion and leaf presence was not significant, indicating that these factors act of independent form in relation to the evaluated parameters. Cutting with base lesion presented addition of only 10% of foliar retention and percentage of roots cutting. Cutting with a pair of leaves had been superior to the parameters of the mass fresh and dry of root in relation to the cutting with half leaves, and the cutting without leaves not presented formation of roots being presence of leaves fundamental to roots promotion.Com o objetivo de avaliar o potencial de enraizamento da seleção 8501-9 de goiabeira utilizou-se estacas herbáceas com 10-12 cm de comprimento em duas formas de preparo (corte simples sem lesão e exposição do câmbio e três intensidades de supressão das folhas (sem folhas, com folhas cortadas ao meio e folhas intactas. O

  1. Fitodefensivos em plantas medicinais: macromoléculas hidrofílicas de folhas de mil folhas (Achillea millefolium L. inibem o crescimento in vitro de bactérias fitopatogênicas Agrochemicals in medicinal plants: hydrophilic macromolecules from leaves of "mil folhas" (Achillea millefolium L. inhibit in vitro growth of phytopathogenic bacteria

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    N.G. Tessarollo

    2013-01-01

    Full Text Available Extratos aquosos da planta medicinal Achillea millefolium contêm macromoléculas de interesse para desenvolver fitodefensivos para a agricultura. Duas frações de mil folhas foram obtidas por ultrafiltração, E1 (contendo moléculas maiores que 30 kDa, e E3 (peptídeos entre 1 e 10 kDa que inibiram o crescimento das bactérias fitopatogênicas Ralstonia solanacearum, gram-negativa, e Clavibacter michiganensis subsp. michiganensis, gram-positiva, com dependência de concentração. Os valores de concentração inibitória mínima (CIM para ambos os extratos e bactérias foram baixos, entre 20 e 80µM. A CIM relativa à proteína total evidenciou a presença de macromoléculas muito ativas em E3, embora com baixa concentração proteica. E3 se aplica à prospecção de peptídeos antimicrobianos. Estimar a CIM relativa à quantidade de amostra vegetal valorizou o potencial antimicrobiano natural de E1, que contém alta concentração proteica. E1e E3 se aplicam ao desenvolvimento de fitodefensivos para uso biotecnológico. A ultrafiltração fracionou as amostras de forma nativa, rápida, e com baixo custo; além de dessalinizar, clarificar, purificar, e concentrar E1 e E3. Esse estudo inédito sobre a separômica e a ação antimicrobiana de extratos macromoleculares aquosos de mil folhas sugere que plantas cicatrizantes podem apresentar grande potencial para desenvolver fitodefensivos agrícolas naturais não danosos, à semelhança de medicamentos fitoterápicos.Aqueous extracts from the medicinal plant Achillea millefolium contain macromolecules of interest to develop agrochemicals for agriculture. Two fractions of "mil folhas" were obtained by ultrafiltration, E1 (containing molecules larger than 30 kDa and E3 (peptides between 1 and 10 kDa, which inhibited the growth of phytopathogenic bacteria Ralstonia solanacearum, gram-negative, and Clavibacter michiganensis subsp. michiganensis, gram-positive, concentration-dependent. The values of

  2. Development and antioxidant capacity of sapota pulp Jelly (Quararibea cordata Vischer Desenvolvimento e capacidade antioxidante de geleia da polpa de sapota (Quararibea cordata Vischer

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Vania Silva Carvalho

    2012-06-01

    aos teores de umidade, cinzas, lipídeos, proteínas, carboidratos, fibras alimentares, pectina, pH, acidez total, açúcares, ácidos orgânicos, carotenóides, além de compostos fenólicos e capacidade antioxidante. O produto final atendeu às normas exigidas pela legislação brasileira, sendo 32.68% de umidade e 61.06 °Brix. Também, em conformidade com a normas legais atribuídas a esse produto, a geleia da polpa de sapota pode ser considerada um alimento rico em fibras, já que apresentou teor acima de 5%. A geleia apresentou maiores teores de compostos fenólicos totais (102 mg GAE.100-1, em relação à fruta in natura (21 mg GAE.100 g-1. Houve a identificação na capacidade antioxidante na geleia de 9.05% de descoloração do radical DPPH, conferindo ao produto final propriedades antioxidantes. Foram analisadas ainda as características microbiológicas do produto onde não foi observada a presença de coliformes termotolerantes, bolores e leveduras. A sapota pode ser considerada matéria-prima efetiva no preparo de geleia e esta apresentou atividade antioxidante e fonte de fibras.

  3. Avaliação da atividade antioxidante e antimicrobiana do extrato etanólico bruto e frações orgânicas obtidas a partir da casca do caule da espécie Guettarda uruguensis Cham, & Scthdl, (Rubiaceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ana Flávia Schvabe Duarte

    2014-09-01

    Full Text Available Este trabalho teve como objetivo avaliar o potencial antioxidante e antimicrobiano do extrato bruto e frações obtidas das cascas do caule da espécie Guettarda uruguensis, Os ensaios antioxidantes indicaram alto potencial antioxidante, No ensaio de redução de fosfomolibdênio, a fração acetato de etila apresentou atividade antioxidante de 41,67% em relação ao padrão de ácido ascórbico e superou em 35,21% a atividade do padrão rutina, No ensaio de redução do DPPH (2,2-diphenyl-1-picrylhydrazyl, a fração acetato de etila apresentou um IC50 de 10,91 µg mL-1, valor próximo ao do ácido ascórbico (IC50 = 4,78 µg mL-1 e da rutina (IC50 = 6,62 µg mL-1, Pelo ensaio de TBA (acido tiobabitúrico o extrato bruto (IA = 71,48% e a fração hexano (IA = 47,85% apresentaram índices superiores ao controle de BHT (butil hidroxi tolueno (IA = 42,66, Através do ensaio de microdiluição em placas, foi observado que o extrato bruto e frações apresentaram atividade antimicrobiana, O estudo fitoquímico qualitativo revelou a presença de alcaloides, cumarinas, esteroides e/ou triterpenos, heterosídeos saponínicos, taninos e aminogrupos.

  4. Obtención de péptidos antioxidantes de glicinina de soja

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Alejandra Medrano

    2011-12-01

    Full Text Available El objetivo de este trabajo fue evaluar la potencialidad de dos preparados enzimáticos, proteasas de Streptomyces griseus (PSG y de Aspergillus oryzae (Flavourzyme, en la obtención de péptidos antioxidantes de glicinina de soja. La reacción de hidrólisis se realizó bajo condiciones controladas de pH, temperatura y tiempo. El grado de hidrólisis (GH% se estimó mediante determinación de grupos amino libres. Los hidrolizados obtenidos se caracterizaron por SDS-PAGE y análisis de sus propiedades antioxidantes por ABTS, ORAC y oxidación de desoxirribosa. Los compuestos fenólicos se determinaron por reacción con Folin-Ciocalteu. El GH% dependió del tiempo de reacción y de la naturaleza del preparado enzimático, con Flavourzyme más activa que PSG (p ≤ 0.05. Se observó una correlación directa entre GH% de Flavourzyme y la acción frente a radicales ABTS e hidroxilos (p ≤ 0.05 de sus hidrolizados. Los hidrolizados de PSG resultaron significativamente más efectivos (p ≤ 0.05 frente a radicales alquilperoxílicos que los de Flavourzyme. No se detectaron diferencias significativas (p>0,05 en las concentraciones de compuestos fenólicos de las muestras, por lo que las diferencias en capacidad antioxidante de los hidrolizados proteicos se pueden asociar a su composición peptídica. Las investigaciones de este equipo remarcan el interés del análisis de fenoles en hidrolizados proteicos con propiedades antioxidantes.

  5. Aspectos morfológicos de folhas na diferenciação de variedades de carambola Morphological aspects of leaves in differentiation of varieties of star fruit

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Renata Aparecida de Andrade

    2007-08-01

    Full Text Available Em certas espécies vegetais, a distinção entre variedades pode ser realizada com base em aspectos morfológicos das folhas, o que permite a diferenciação mesmo quando não apresentam flores e/ou frutos. O presente trabalho foi realizado objetivando a distinção entre variedades de caramboleira (Averrhoa carambola L. através de aspectos foliares. Foram avaliadas quatro variedades de caramboleira: Arkin, B-10, Golden Star e Hart, com quatro repetições de 10 folhas cada. Pelos resultados obtidos no presente trabalho, conclui-se que há diferenças morfológicas foliares entre as variedades de caramboleira, permitindo a sua distinção, especialmente em condições de viveiro.In some vegetable species, the distinction among varieties can be done based on morphological aspects of the leaves that allow the differentiation even when they do not have flowers and/or fruits. The aim of this work was to differentiate the varieties of star fruit (Averrhoa carambola L. by foliar aspects. It was evaluated four varieties of star fruit: Arkin, B-10, Golden Star and Hart, with four replications containing 10 leaves in each one. The results obtained showed that exist morphological foliar differences among the varieties of star fruit, being permitted the distinction, especially in nursery conditions.

  6. CAPACIDAD ANTIOXIDANTE EN RATAS DIABÉTICAS ROL DE LA VITAMINA E

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    R. Oré Valdivieso

    2014-06-01

    Full Text Available En el presente estudio se analizó el rol antioxidante de la vitamina E, administrada a ratas diabéticas, evaluando los cambios en la glicemia, hemoglobina glicosilada (HbA1c, lipoperoxidación, antioxidantes totales, albúmina y proteínas totales. Se trabajó con 4 grupos de animales de experimentación: I Control, II control más vitamina E (25 mg/día, III Diabético inducidos con estreptozotocina (35 mg/kg y IV Diabético más vitamina E. Después de 8 semanas de tratamiento, con insulina 4 U/kg de peso observamos que en animales diabéticos con suplemento vitamínico mejora la glicemia y disminuyen los niveles de HbA1c. En los grupos diabéticos y control que recibieron vitamina E disminuyen los niveles de lipoperoxidación en un 25%, comparados con los que no recibieron el suplemento. Nuestros resultados sugieren que la vitamina E tiende a mejorar la glicemia, disminuir la HbA1c y peroxidación lipídica y aumenta los antioxidantes totales en el grupo diabético.

  7. Composição de bagas de 'Niágara Rosada' e 'Folha-de-Figo' relacionadas ao sistema de condução Fruit composition of 'Niágara Rosada' and 'Folha-de-Figo' grapevines under different training systems

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Renata Vieira da Mota

    2010-12-01

    Full Text Available RESUMO Este trabalho teve como objetivo avaliar a influência do sistema de condução na qualidade de bagas de uvas 'Niágara Rosada' e 'Folha-de-Figo' cultivadas em Caldas-MG. Foram avaliados a produção por planta, o diâmetro, a massa, o teor de potássio e a temperatura das bagas, pH, teor de sólidos solúveis, açúcares redutores, acidez total e ácidos orgânicos do mosto, compostos fenólicos nas cascas e sementes, e antocianinas. As plantas foram conduzidas em espaldeira, lira, latada ou cordão simples, e os frutos, avaliados nas safras de 2006 e 2007. As videiras de 'Niágara Rosada' cultivadas em latada e 'Folha-de-Figo' em lira apresentaram produção significativamente superior aos demais sistemas de condução. Em todos os casos, as bagas apresentaram temperatura inferior à ambiente, indicando sombreamento completo ou parcial dos cachos. No sistema latada, houve menor acúmulo de sólidos solúveis e açúcares redutores nas duas cultivares. Estes resultados preliminares indicam que a composição das bagas foi pouco influenciada pelo sistema de condução.ABSTRACT This work aimed on evaluating the influence of training systems in berries composition of 'Niágara Rosada' and 'Folha-de-Figo' grapevines grown in Caldas, MG. Yield per plant; diameter, weight, temperature and potassium content of the berries; pH, soluble solids, reducing sugars, total acidity and organic acids of the must; anthocyanins and phenolic compounds of the skins and phenolic compounds of the seeds were evaluated in grapevines training in vertical shoot position, lyre trellis, pergola Veronese or simple string in 2006 and 2007 seasons. 'Niágara Rosada' and 'Folha-de-Figo' grapevines training in pergola Veronese and lyre trellis, respectively, showed higher yield than the other training systems under study. Berries grown under the four different training systems were cooler than ambient temperature, resulting from partial or deep shade clusters. Berries

  8. Vitamina C, carotenoides, fenólicos totais e atividade antioxidante de goiaba, manga e mamão procedentes da Ceasa do Estado de Minas Gerais - doi: 10.4025/actascihealthsci.v33i1.8052 Vitamin C, carotenoids, phenolic compounds and antioxidant activity of guava, mango and papaya from Ceasa of Minas Gerais State - doi: 10.4025/actascihealthsci.v33i1.8052

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Helena Maria Pinheiro-Sant'Ana

    2011-05-01

    Full Text Available Este estudo teve como objetivo analisar o conteúdo de compostos antioxidantes (ácido ascórbico - AA, ácido desidroascórbico - ADA, vitamina C total, licopeno, β-caroteno, β-criptoxantina e estimativa de compostos fenólicos e avaliar a atividade antioxidante, em goiaba, manga e mamão. A análise de carotenoides e vitamina C foi realizada por Cromatografia Líquida de Alta Eficiência (CLAE. O teor de fenólicos totais foi determinado utilizando o reagente de Folin-Ciocalteu e leitura espectrofotométrica. A atividade antioxidante foi avaliada pelo Teste do 2,2-diphenil-2-picril-hidrazil (DPPH• e do Poder Redutor. A Anova (α = 0,05 foi utilizada para a análise dos dados. Os teores dos constituintes antioxidantes diferiram entre as três frutas, mas a goiaba foi a fruta que apresentou teores mais elevados de compostos fenólicos, vitamina C total, ADA e licopeno, além dos maiores valores para atividade antioxidante. Foi constatada forte correlação entre os testes que avaliaram a atividade antioxidante e o teor de fenólicos totais, demonstrando serem estes os principais compostos antioxidantes a contribuírem para a atividade antioxidante das frutas analisadas, em ambos os testes. É importante incentivar a utilização das frutas avaliadas neste estudo, tanto em nível doméstico quanto em estabelecimentos de alimentação coletiva para aumentar o consumo de antioxidantes naturais pela população.This study aimed to analyze the content of antioxidant compounds (ascorbic acid - AA, dehydroascorbic acid - DHA, total vitamin C, lycopene, β-carotene, β-cryptoxanthin and phenolic compounds and to evaluate the antioxidant activity in guava, mango and papaya. The analysis of carotenoids and vitamin C was performed by high performance liquid chromatography (HPLC. The content of phenolic compounds was determined using the Folin-Ciocalteu reagent and spectrophotometric reading. Antioxidant activity was evaluated by testing the 2

  9. Produção de frutos de laranjeira pêra e teores de nutrientes nas folhas e no solo, em Latossolo Vermelho-Escuro do Noroeste do Paraná

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    J. Fidalski

    1999-06-01

    Full Text Available A cobertura vegetal das entrelinhas dos pomares cítricos é uma prática necessária nos solos arenosos originários da formação geológica do arenito Caiuá do Paraná. O estudo foi realizado em um experimento de laranjeira pêra sobre o porta-enxerto limão-cravo instalado no campo em 1993, no município de Alto Paraná, em um Latossolo Vermelho-Escuro, onde estavam sendo avaliados seis diferentes sistemas de manejo do solo das entrelinhas do pomar. Na safra agrícola de 1995/96, foram coletadas amostras de folha e solo nas entrelinhas e faixas de adubação nas camadas de 0-20 e 20-40 cm e avaliados a produção e o número de frutos. A produção e o número de frutos correlacionaram-se, positivamente, com as características químicas do solo Ca, Mg, pH e V das entrelinhas do pomar e, negativamente, com Al e H + Al. Os teores foliares de Ca correlacionaram-se, positivamente, com a produção e o número de frutos. O nível crítico de Ca nas folhas foi de 29,72 g kg-1.

  10. O feminino no caderno Ciência e Saúde do jornal Folha de São Paulo

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Guilherme de Paula Pires

    2016-12-01

    Full Text Available Ao tomar como base o Projeto de Monitoramento de Mídia Global (WACC, realizado desde 1995, o presente artigo se desenvolve com o objetivo de verificar a inserção e a participação feminina no caderno Ciência e Saúde, do jornal Folha de São Paulo, periódico de maior circulação no país. O presente artigo parte da hipótese de que as mulheres são maioria nessa especialidade jornalística. Embora, ao observar os resultados da coleta, indicarem o contrário. O que, por consequência, vem a confirmar a disparidade tanto no que se refere à produção, ou seja, o jornalista responsável por escrever as notícias e reportagens, quanto à escolha das fontes presentes nos trabalhos jornalísticos do referido caderno pesquisado.DOI: http://dx.doi.org/10.21882/ruc.v4i7.614 Recebido: 15/04/2016 Publicado: 07/12/2016 

  11. Decomposição de agulhas de Pinus pinaster e de folhas de Eucalyptus globulus em regiões do interior e do litoral de Portugal Decomposition of needle litter of Pinus pinaster and leaf litter of Eucalyptus globulus in the littoral and inland areas of Portugal

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    C. Ribeiro

    2007-07-01

    Full Text Available Estudou-se, pela metodologia dos litter-bags, a decomposição de agulhas de Pinus pinaster (PP e de folhas de Eucalyptus globulus (EG, considerando a taxa de decomposição e a dinâmica de libertação dos nutrientes mais relevantes para a sustentabilidade dos sistemas florestais. Os estudos decorreram no litoral da Região Centro (Furadouro, Óbidos, quer com folhas de EG quer com agulhas de PP, no interior da Região Norte (Vila Pouca de Aguiar, com agulhas de PP, e numa situação intermédia com folhas de EG (Pegões e Rio Maior. Para igual período, a taxa de decomposição das agulhas de PP, estimada pelo modelo exponencial simples, foi inferior à determinada para as folhas de EG, sendo a diferença mais acentuada na fase inicial da decomposição (6 meses, em que a perda de peso das agulhas de PP foi cerca de metade da observada para as folhas de EG. Durante a fase inicial decomposição, tanto das folhas de EG como das agulhas de PP, ocorreu uma assinalável libertação de P, K e de Mg. A libertação do N dependeu da taxa de decomposição, observando- -se imobilização para as agulhas de PP com mais baixa taxa de decomposição, e libertação rápida para as folhas de EG com mais elevada taxa de decomposição. No caso do Ca o factor diferenciador foi a espécie, sendo a respectiva libertação baixa para as agulhas de PP, mas acentuada para as folhas de EG. As folhas verdes de resíduos de abate de EG decompuseram-se e libertaram os nutrientes mais rapidamente do que as folhas senescentes da mesma espécie.Decomposition of needle litter of Pinus pinaster (PP and leaf litter of Eucalyptus globulus (EG was assessed using the litterbag methodology. Decomposition rate of these residues and release dynamics of nutrients with more relevance to the sustainability of forest systems were measured. The study was carried out in the litoral of Central Portugal (Furadouro,Óbidos, using both PP and EG, in inland of North Portugal (Vila Pouca

  12. Caracterização anatômica de folha, colmo e rizoma de Digitaria insularis Anatomical characterization of the leaf, stem and rhizome of Digitaria insularis

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    A.F.L. Machado

    2008-03-01

    Full Text Available A anatomia da folha, de colmo e do rizoma de Digitaria insularis foi investigada, visando identificar características que possam estar relacionadas à sua tolerância ao glyphosate. Sementes e rizomas de plantas adultas foram coletadas em campo, em área de plantio direto, onde o herbicida glyphosate vem sendo utilizado repetidamente há vários anos. As plantas provenientes dessas sementes e desses rizomas foram cultivadas em vasos com capacidade de 3 L, contendo solo de textura média, em casa de vegetação. Quando as plantas atingiram o estádio fenológico de pré-florescimento, foram coletadas três folhas totalmente expandidas por planta, entre o terceiro e o quinto nó. Simultaneamente, coletaram-se fragmentos dos rizomas e os entrenós recobertos pelas bainhas das folhas amostradas. As amostras foram fixadas em FAA50 e estocadas em etanol, para obtenção de cortes histológicos e montagem das lâminas, conforme metodologia usual. Para obtenção do índice estomático e da densidade estomática nas superfícies da epiderme, amostras das folhas foram diafanizadas, conforme método utilizado usualmente. Verificou-se que plantas provenientes de rizomas apresentavam maior índice estomático e maior número de estômatos por mm², maior espessura na epiderme das faces adaxial e abaxial e maior espessura da lâmina foliar. Foi observada coloração intensa nos rizomas submetidos ao Lugol, indicando presença de grande quantidade de amido, independentemente da origem do material.The anatomy of the leaf, stem and rhizome of Digitaria insularis was studied, evaluating characteristics that could be related to its tolerance to glyphosate. Seeds and rhizomes of adult plants were collected in the field, area of no-till system, where the herbicide glyphosate had been repeatedly used for several years. The plants derived from these seeds and rhizomes were cultivated in 0.003 m³ vases, containing soil, under a greenhouse conditions. When the plants

  13. O jornalismo da “Folha de São Paulo” na era da publicidade: a realização do discurso “publijornalístico”

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Emerson Ike Coan

    2012-06-01

    Full Text Available O objetivo deste artigo é expor o emprego de técnicas de persuasão da publicidade em textos de estruturação jornalística no jornal “Folha de São Paulo”, como realização do discurso “publijornalístico”. Combina-se o referencial teórico da Sociossemiótica da Cultura com uma postura crítica a partir da análise de determinadas situações que exprimem algumas das formas de interferência da publicidade no jornalismo expostas no livro O jornalismo na era da publicidade de Leandro Marshall.

  14. Mudanças no consumo e na distribuição de alimentos : o caso da distribuição de hortaliças de folhas na cidade de são Paulo

    OpenAIRE

    Rubens Antonio Mandetta de Souza

    2005-01-01

    Resumo:Este trabalho de dissertação consiste de um estudo sobre as mudanças no consumo e na distribuição de alimentos, e particularmente, na distribuição de hortaliças de folhas na região metropolitana de São Paulo. As pesquisas foram desenvolvidas entre janeiro e agosto de 2003, quando foram entrevistados profissionais das grandes redes de supermercados (entrevistas pessoais); do setor supermercadista em geral ? lojas grandes, médias e pequenas (entrevistas por telefone); profissionais dos s...

  15. Contenido total de fenoles y actividad antioxidante de pulpa de seis frutas tropicales

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Elizabeth Moreno

    2014-10-01

    Full Text Available Seis pulpas de frutas tropicales de origen colombiano: curuba (Passiflora tripartida var. Mollissima, gulupa (Passiflora edulis Sims, aguacate variedad Hass (Persea America Mill, lulo (Solanum quitoense Lam., tomate de árbol (Cyphomandra betacea Sendt y uchuva (Physalis peruviana L fueron empleadas para realizar el estudio del contenido total de fenoles, por el método de Folin Ciocalteu y la actividad antioxidante por los métodos químicos: DPPH (2,2-difenil-2-picrilhidrazilo y FRAP (poder antioxidante para reducir iones férricos, y por los métodos biológicos: oxidación de lipoproteínas de baja densidad (LDL e inhibición del estrés oxidativo sobre el crecimiento de Saccharomyces cerevisiae. Se encontró que el extracto de curuba presentó el mayor contenido total de fenoles con un valor de 683,48 ± 18,48 mg equivalentes de ácido gálico/100 g muestra B.H. (Base Húmeda. En cuanto a los ensayos de actividad antioxidante el extracto de aguacate presentó mayor actividad por el método DPPH con un valor de 165,10 ± 4,36 µmol Trolox/100 g muestra B.H., mientras que el extracto de curuba presentó la mayor actividad antioxidante por el método FRAP con un valor de 148,07 ± 12,07 µmol Trolox/g muestra B.H. En el ensayo de oxidación de LDL los extractos de curuba y uchuva presentaron la mayor capacidad de inhibición en la oxidación de dichas lipoproteínas con un valor de 1,61 ± 0,01 y 1,46 ± 0,06 nmol TMP (Tetrametoxipropano/g muestra B.H., respectivamente. En el ensayo de inhibición del estrés oxidativo sobre el crecimiento de S. cerevisiae los extractos de aguacate, curuba y gulupa tuvieron el mayor efecto protector obteniéndose una concentración celular de 1,96 ×107 células/mL, 1,86 × 107 células/mL y 1,54 × 107 células/mL, respectivamente, comparados con lo encontrado al emplear ácido ascórbico como antioxidante sintético, con el cual se obtuvo 0,99 × 107 células/mL. De los extractos estudiados los que

  16. Allelopathic potential of Sapindus saponaria L. leaves in the control of weeds=Potencial alelopático de folhas de Sapindus saponaria L. no controle de plantas daninhas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Denise Garcia Santana

    2012-01-01

    Full Text Available The objective of this work was to evaluate the allelopathic potential of aqueous extracts of young and mature leaves from Sapindus saponaria on diaspore germination and seedling growth of barnyardgrass (Echinochloa crus-galli and morningglory (Ipomoea grandifolia. The aqueous extract was prepared in a proportion of 100 g of dried, ground leaves dissolved in 1000 mL of distilled water, resulting in a 10% extract concentrate. Dilutions of this concentrate were made with distilled water to 7.5, 5.0 and 2.5%. In seedling growth tests, we compared the effect of these extracts with the herbicide nicosulfuron. Both extracts of mature and young leaves caused delays and reductions in diaspore germination and seedling length of barnyardgrass and morningglory, with the most intense effects observed at a concentration of 10%. The effects of the young leaf extract were more similar to those observed with the herbicide, demonstrating that leaf maturation stage of S. saponaria affects its inhibitory effects on the growth of other plants and that this species is effective in controlling weeds.O objetivo deste trabalho foi avaliar o potencial alelopático do extrato aquoso de folhas jovens e maduras de Sapindus saponaria (sabão-de-soldado na germinação de diásporos e no crescimento de plântulas de capim-arroz (Echinochloa crus-galli e corda-de-viola (Ipomoea grandifolia. O extrato aquoso foi preparado na proporção de 100 g de folhas secas e trituradas dissolvidas em 1000 mL de água destilada, produzindo-se o extrato considerado concentrado (10%. A partir deste, foram feitas diluições em água destilada para 7,5; 5,0 e 2,5%. No teste de crescimento de plântulas comparou-se o efeito desses extratos com o herbicida nicosulfuron. Os extratos de folhas maduras e jovens causaram atraso e redução na germinação dos diásporos e no comprimento das plântulas de capim-arroz e corda-de-viola, com efeitos mais intensos na concentração de 10%. No entanto, os

  17. Crescimento dos frutos de laranjeira 'Salustiana' situados em ramos anelados com diversas relações de folhas/frutos Growth of the fruits of 'Salustiana' sweet orange located in girdled shoots with several leaves to fruit ratios

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Dalmo Lopes de Siqueira

    2007-08-01

    Full Text Available A relação entre a área foliar e o crescimento dos frutos é um tema que freqüentemente recebe a atenção dos pesquisadores, por influenciar diretamente na produtividade das plantas e na qualidade dos frutos. Neste trabalho, avaliou-se o efeito da área foliar sobre o crescimento dos frutos da laranjeira 'Salustiana'. Foram utilizados ramos com 12 meses de idade e com apenas um fruto terminal. Os ramos foram anelados visando a manter diversas relações de folhas/fruto. Avaliaram-se, semanalmente, o crescimento dos frutos e os teores de amido presentes nas folhas durante um período de 42 dias. O crescimento dos frutos, avaliado na "fase de crescimento II", dependeu da área foliar disponível por fruto, sendo que 30 folhas foram suficientes para garantir o seu crescimento. As reservas de amido nas folhas dependeram da área foliar disponível por fruto e reduziram à medida que os frutos apresentaram aumentos no diâmetro e nas massas fresca e seca.The relationship between the foliar area and the fruit growth is an important theme because affects the tree productivity and fruits quality. In this work was evaluated the effect of the foliar area on the growth of the Salustiana's sweet orange fruits. Girdled shoots of 12 months were used with a single terminal fruit and several leaves-fruit ratios. It was evaluated, weekly, the fruit growth and the leaves starch contents during 42 days. The fruit growth, evaluated in the stage II, depended on the available leaf area per fruit, provided that 30 leaves were enough to guarantee its growth. The starch reserves in the leaves depended on the available leaf area per fruit and they reduced with the increase in the diameter and dry and fresh weight of the fruits.

  18. Estudo fitoquímico e atividades leishmanicida, anticolinestarásica e antioxidante de extratos de Annona glabra L. (araticum panã

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Antonio Adailson de Sousa Silva

    2015-10-01

    Full Text Available O objetivo deste estudo foi investigar as principais classes de compostos químicos presentes em Annona grabra L. (Araticum panã, e avaliar o seu potencial biológico analisando suas atividades antioxidante, antiacetilcolinesterase e leishmanicida. Para tanto, a entrecasca e sementes foram submetidas à extração em aparelho de soxhlet com os solventes orgânicos hexano, clorofórmio, acetato de etila e metanol, obtendo-se os respectivos extratos. Com os extratos foram realizados testes de prospecção fitoquímica, determinação da atividade antioxidante pelo método de inibição do radical livre DPPH e inibição da acetilcolinesterase em ensaio de cromatografia em camada delgada. Os testes de atividade leishmanicida in vitro em formas promastigotas de Leishmania infantum chagasi foram realizados em placa de 96 poços em aparelho ELISA. Os extratos foram testados a 100 μg/ mL. Os testes fitoquímicos revelaram a presença de esteroides, triterpenos, alcaloides, compostos fenólicos e saponinas. Todos os extratos apresentaram inibição da acetilcolinesterase e os extratos hexânicos de ambas partes mostraram maior percentual de inibição de L. infantum chagasi. Nestes extratos, compostos apolares como esteroides e triterpenos podem contribuir para a atividade leishmanicida. Os extratos de melhor atividade antioxidante foram o acetato de etila e metanólico da entrecasca e metanólico das sementes que correspondem aos que contem compostos fenólicos. Conclui-se que A. glabra constitui uma fonte potencial de agentes leishmanicida com possível mecanismo de ação pela inibição da enzima acetilcolinesterase das membranas da L. infantum chagasi, causador da leishmaniose visceral.Phytochemical study and leishmanicidal, anticholinesterase and antioxidant activities of Annona glabra L. (araticum panã extracts ABSTRACT The aim of this study was to investigate the main types of chemical constituents present in Annona grabra L. (araticum pan

  19. Anatomia comparada de folhas de pimenta longa (Piper hispidinervum C. DC. e pimenta de macaco (Piper aduncum L. cultivadas in vitro, ex vitro e in vivo

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Simone Alencar Maciel

    2014-07-01

    Full Text Available http://dx.doi.org/10.5007/2175-7925.2014v27n4p11 Piper hispidinervum e Piper aduncum apresentam compostos metabólitos secundários como safrol e dilapiol de interesse comercial em seus óleos essenciais. O trabalho teve como objetivo comparar aspectos anatômicos, relacionados a respostas fisiológicas das folhas de P. hispidinervum e P. aduncum propagadas in vitro, in vivo e durante a aclimatização. Secções paradérmicas e transversais da lâmina foliar do cultivo in vitro, ex vitro e in vivo, feitas à mão-livre foram realizadas para a medição das estruturas anatômicas em microscópio de luz. A espessura da epiderme e hipoderme de P. hispidinervum e P. aduncum sofrem alterações na transição de cultivo in vitro para o ex vitro. Os tecidos do mesofilo e a abertura do poro estomático de ambas as espécies são influenciados pelo ambiente in vitro. Diferentes ambientes de cultivo promovem a plasticidade das estruturas celulares da lâmina foliar e fundamentam o sucesso da micropropagação de ambas as espécies.

  20. Análise química de folhas de cactáceas do gênero Pereskia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Lara Soares Santos

    2015-09-01

    Full Text Available Algumas cactáceas do gênero Pereskia são utilizadas na alimentação como hortaliça, ainda considerada não convencional. Neste contexto, faz-se necessário estudar as características nutricionais das plantas através de análises químicas visando possível consumo humano. Com o objetivo de caracterizá-las, determinou-se a composição centesimal, teor de fenólicos e nitrato nas três espécies de cactáceas do gênero Pereskia, em três tratamentos pós-colheita (seca in natura, liofilizada e cozida e seca, em delineamento experimental inteiramente casualizado com quatro repetições, resultando em trinta e seis amostras analisadas. Foram utilizadas quatro plantas-matrizes para cada espécie, cultivadas em vasos no mesmo viveiro. O teor de fenólicos foi determinado com uso do reagente Folin-Ciocalteau, a partir de extrato etanólico; o teor de nitrato foi determinado após extração com água, por espectrofotometria. A análise da composição centesimal foi realizada de acordo com métodos do Instituto Adolfo Lutz. O teor de fenólicos foi influenciado tanto pela espécie quanto pelo tratamento pós-colheita, apresentando-se maior nas folhas liofilizadas. O teor de nitrato também foi influenciado pela espécie e pelo tratamento pós-colheita, apresentando-se maior nas folhas secas in natura e na espécie Pereskia grandifolia Haw. Não foram observadas diferenças significativas entre as espécies em nenhum dos nutrientes avaliados pela composição centesimal. Em relação ao processamento houve diferença significativa somente no teor de cinzas, que foi maior nas plantas secas in natura. Os nutrientes avaliados apresentaram resultados próximos aos já determinados para a espécie mais consumida como alimento, a Pereskia aculeata Miller.

  1. Estabilidad oxidativa de huevos enriquecidos con ácidos grasos poliinsaturados omega 3, frente a antioxidantes naturales Estabilidade oxidativa de ovos enriquecidos com ácidos graxos poliinsaturados ômega 3, frente a antioxidantes naturais

    OpenAIRE

    María Elena Bernal Gómez; Cássio Xavier de Mendonça-Junior; Jorge Mancini-Filho

    2003-01-01

    Fueron alimentadas 192 gallinas ponedoras de 22 semanas de edad, de linaje comercial Babcock, durante 30 días con dietas de 0 (cero) y 12,7% de semilla de linaza molida que corresponde a 0 y 5% de aceite de linaza, respectivamente. Fueron definidos 8 tratamientos: 4 grupos con 12,7% de semilla de linaza (control/sin antioxidante; BHA+BHT, 100+100 ppm; orégano, 200 ppm; romero, 200 ppm) y 4 grupos sin semilla de linaza, pero utilizando los mismos antioxidantes. Este estudio fue realizado con e...

  2. Antioxidative effect of Arthrospira platensis biomass on the lipid oxidation| Efeito antioxidante da biomassa de Arthrospira platensis sobre a oxidação lipídica

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Dayane Meireles de Souza

    2017-08-01

    érias tem sido estudadas. Objetivo: O objetivo deste estudo foi avaliar o efeito antioxidante da biomassa de Arthrospira platensis no processo de oxidação lipídica do óleo e da emulsão óleo/água. Método: A produção de antioxidantes por Arthrospira platensis em função das condições de cultivo foi avaliada por meio de planejamento experimental. O efeito antioxidante dos extratos metanólicos e das biomassas foi avaliado através do índice de peróxidos. Resultados: Os resultados mostram que as condições de crescimento para se obter a biomassa promoveram mudança na capacidade protetora dos diferentes extratos da biomassa. Extratos obtidos a partir da biomassa cultivada sob 150 μmol fótons/m2s-1, 1,875 g.L-1 NaNO3; 13,5 g.L-1 NaHCO3 (ensaio 14 e 50 μmol fótons/m2s-1, 2,5 g.L-1 NaNO3; 18,0 g.L-1 NaHCO3 (padrão mostraram maior efeito antioxidante contra a oxidação lipídica, portanto, utilizados para formulação da maionese. A maionese feita com óleo de soja e 0,5% de biomassa foi preservada da fotodegradação lipídica durante sete dias de armazenamento, mas o índice de peroxido em relação ao controle variou de 2,9 para 3,1 mEqO2.Kg-1, não havendo diferença significativa da preservação proporcionada pela terc-butil hidroquinona, no mesmo período de armazenamento. Na maionese feita com óleo de girassol, a biomassa, independentemente da concentração, não foi capaz de proteger o produto contra a foto-oxidação. Conclusões: Os resultados demonstram a capacidade protetora contra a oxidação lipídica da biomassa de Arthrospira platensis e seu potencial para uso em alimentos ricos em lipídeos à base de óleo de soja.

  3. Eventos do processo de infecção de Colletotrichum gloeosporioides inoculados em folhas de Coffea arabica L

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Josimar Batista Ferreira

    2009-12-01

    Full Text Available O presente trabalho teve por objetivo obter informações sobre os eventos de pré-penetração, penetração e colonização de isolados de C. gloeosporioides, obtidos de mangueira e cafeeiro, quando inoculados em folhas de cafeeiros (Coffea arabica L. da cultivar Catucaí Vermelho. As folhas foram selecionadas, padronizadas e lavadas, demarcando-se áreas circulares de 0,5 cm de diâmetro na face abaxial, inoculando-se uma alíquota de 20 µL da suspensão de conídios. Utilizou-se um isolado obtido de mangueira e dois isolados obtidos de cafeeiro com mancha manteigosa. Realizaram-se avaliações com 3, 6, 8, 12, 24, 36, 48, 72, 96, 144 e 240 horas após a inoculação (hai. Todos os materiais foram processados e observados em microscópico eletrônico de varredura. Os conídios de todos os isolados aderiram freqüentemente nas depressões das células da epiderme e células-guarda dos estômatos, formando septo antes da germinação. A penetração, na maior parte, se deu por via direta e algumas vezes por estômatos. Isolados de cafeeiro germinaram em folhas de 6 a 8 hai, produzindo apressórios 12 hai e acérvulos de 96 a 144 hai. O isolado de mangueira germinou de 6 a 8 hai com formação de apressório de 8 a 12 hai e produziu novos conídios diretamente em hifas conidiogênicas. Não foi observada a formação acérvulos para este isolado.The present study was carried out with the objective to provide information on the pre-penetration, penetration and colonization events of isolates of Colletotrichum gloeosporioides from mango and coffee, when inoculated in coffee leaves. The cultivar Catucaí Vermelho was used in all experiments. Coffee leaves were selected, standardized and washed in sterile water. After that, circular areas of 0.5 cm in diameter were marked on the undersurface of the leaves. In the center of each circular area, 20 µL of spore suspension was deposited. One isolate from mango and two from coffee presenting blister

  4. Compostos fenólicos totais, atividade antioxidante e antifúngica demultimisturas enriquecidas com a microalga Spirulina platensis

    OpenAIRE

    Bierhals, Vânia da Silva; Machado, Vanessa Goulart; Echevenguá, Walesca Oliveira; Costa, Jorge Alberto Vieira; Furlong, Eliana Badiale

    2009-01-01

    Com o objetivo de avaliar o conteúdo fenólico e as atividades antioxidantes e antifúngicas de multimisturas enriquecidas com Spirulina platensis, foram formuladas quatro multimisturas com farelo de arroz ou trigo, duas contendo Spirulina platensis e duas com sementes de girassol. Os compostos fenólicos foram estimados pela técnica de Folin-Ciocalteau. A atividade antioxidante foi avaliada por meio de inibição do radical livre DPPH e a atividade antifúngica foi analisada por meio de ensaio de ...

  5. Disfuncionalidad antioxidante de las lipoproteínas de alta densidad (HDL) en pacientes diabéticos descompensados

    OpenAIRE

    Awad, Fernanda; Contreras-Duarte, Susana; Molina, Patricia; Quiñones, Verónica; Serrano, Valentina; Abbott, Eduardo; Maiz, Alberto; Busso, Dolores; Rigotti, Attilio

    2015-01-01

    Introducción: las lipoproteínas de alta densidad (HDL) tienen un importante efecto protector cardiovascular mediado por su función durante el transporte reverso del colesterol, así como por otras actividades, incluyendo una significativa acción antiinflamatoria y antioxidante. La funcionalidad antiinflamatoria y antioxidante de las HDL está alterada en los pacientes diabéticos crónicos estables, aunque no existe mayor información en caso de una crisis hiperglicémica. Objetivo: determinar si d...

  6. Antioxidantes y diabetes mellitus: revisión de la evidencia Antioxidants and diabetes mellitus: review of the evidence

    OpenAIRE

    C. Cuerda; L. M. Luengo; M. A. Valero; A. Vidal; R. Burgos; F. L. Calvo; C. Martínez

    2011-01-01

    Introducción: En la diabetes mellitus existe un aumento del estrés oxidativo y una disminución de los sistemas de defensa antioxidante, que se han implicado en la etiopatogenia de la enfermedad y en la aparición de complicaciones crónicas. Metodología: Realizamos una revisión no sistemática con el objetivo de evaluar la relación entre el estrés oxidativo y la diabetes, y los posibles efectos de los antioxidantes en la prevención y tratamiento de la diabetes y sus complicaciones. Resultados: L...

  7. Estabilidad oxidativa de huevos enriquecidos con ácidos grasos poliinsaturados omega 3, frente a antioxidantes naturales

    OpenAIRE

    Bernal Gómez, María Elena; Mendonça-Junior, Cássio Xavier de; Mancini-Filho, Jorge

    2003-01-01

    Fueron alimentadas 192 gallinas ponedoras de 22 semanas de edad, de linaje comercial Babcock, durante 30 días con dietas de 0 (cero) y 12,7% de semilla de linaza molida que corresponde a 0 y 5% de aceite de linaza, respectivamente. Fueron definidos 8 tratamientos: 4 grupos con 12,7% de semilla de linaza (control/sin antioxidante; BHA+BHT, 100+100 ppm; orégano, 200 ppm; romero, 200 ppm) y 4 grupos sin semilla de linaza, pero utilizando los mismos antioxidantes. Este estudio fue realizado con e...

  8. Qualidade de folhas e rendimento de óleo essencial em hortelã pimenta (Mentha x Piperita L. submetida ao processo de secagem em secador de leito fixo

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    P.P. Gasparin

    2014-01-01

    Full Text Available O uso de plantas medicinais e seus derivados para o tratamento de doenças é uma prática antiga e se percebe, atualmente, uma crescente procura por produtos naturais, incluindo medicamentos, produtos alimentícios, e cosméticos. Hortelã pimenta (Mentha x Piperita L, além de ser uma planta medicinal, pode ser utilizada para obtenção de aromatizantes, infusões, e temperos. O processo de secagem se faz necessário para aumentar o tempo de conservação e a vida útil do produto facilitando seu transporte, manuseio, e armazenamento. Para que os produtos derivados da hortelã pimenta tenham qualidade é necessário estudos sobre o processo de pré e de pós-colheita. Objetivou-se neste estudo identificar a temperatura de secagem, em duas velocidades de ar circulante, que minimize a degradação da cor das folhas e permita obter maior rendimento de óleo essencial. Folhas da hortelã foram colhidas manualmente no horário entre 7:15 e 8:00, e submetidas a secagem em duas velocidades do ar (0,3 e 0,5 m.s-1 e em cinco temperaturas (30, 40, 50, 60 e 70 °C. O material seco foi analisado quanto à cor utilizando-se colorímetro com escala do sistema CIELab baseado em coloração dentro dos padrões da Norma DIN 6174 (1979. A quantificação do óleo essencial foi realizada por hidrodestilação em aparelho Clevenger. Observou-se que temperaturas superiores a 50 °C reduzem o rendimento. A cor das folhas submetidas à secagem diferencia-se da cor das folhas frescas. De acordo com a Norma DIN 6174, a cor das folhas submetidas a secagem com temperatura até 40 °C são "Facilmente distinguíveis" e para as folhas submetidas à secagem a temperaturas superior a 50 °C, a diferenciação é "Muito grande". Conclui-se que para obter o máximo de rendimento do óleo essencial e o mínimo de degradação da cor, a secagem deve ser realizada a temperatura de até 50 ºC. A velocidade do ar de secagem, na faixa de 0,3 a 0,5 m.s-1, não afetou os par

  9. COMPONENTES NUTRICIONALES Y ANTIOXIDANTES DE DOS ESPECIES DE GUAJE (Leucaena spp.: UN RECURSO ANCESTRAL SUBUTILIZADO

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Nallely Román-Cortés

    2014-01-01

    Full Text Available El guaje ( Leucaena spp. es una planta de vaina y semillas comestibles, un recurso ancestral subutilizado por los pueblos mesoamericanos. El valor nutricional y nutracéutico del guaje se desconoce pese a su consumo vigente en las poblaciones rurales. El objetivo de este trabajo fue evaluar el contenido de minerales, compo - nentes nutricionales y antioxidantes para contribuir a la revalorización alimentaria del guaje rojo ( L. esculenta Benth. y verde ( L. leucocephala Lam.. Los contenidos de antocianinas, flavonoides, fenoles totales, taninos y actividad antioxidante se cuantificaron, así como la composición proximal y mineral. Las semillas de guaje rojo superaron a las de guaje verde en los contenidos de N, Mg, Mn, P y Zn; en contraste, las semillas de guaje verde presentaron niveles mayores de Na y de Fe. El contenido de fibra cruda fue 10.55 y 10.07 % en guaje rojo y verde, respectivamente, mientras que el de proteína fue 33.12 % en guaje rojo y 31.7 % en el verde. El alto contenido de compuestos fenólicos fue mayor en las semillas frescas de guaje rojo (1,088.70 mg equivalentes de ácido gálico [EAG]·100 g -1 p. f. que en las verdes (969.09 mg EAG·100 g -1 p. f., pero las últimas presen - taron mayor cantidad de taninos. La elevada actividad secuestradora de radicales libres (97.22 a 98.11 % obtenida por el método ABTS ( á cido 2,2’-azino-bis(3-etilben-zotiazolin-6-sulfónico, puede estar asociada al contenido de compuestos fenólicos. En conclusión, las semillas de guaje podrían considerarse un alimento funcional, principalmente las de guaje rojo debido a su calidad nutricional y mayor actividad antioxidante.

  10. nfluencia de antioxidantes en la estabilidad oxidativa del aceite de chia ( Salvia hispanica L . por rancimat

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Eudes Villanueva

    2017-01-01

    Full Text Available La rancidez oxidativa, conocida como autooxidación, es la principal causa de deterioro d e aceites y grasas, la que puede controlarse mediante el empleo de antioxidantes incrementando la estabilidad oxidativa y vida en anaquel. El aceite de chía es rico en ácidos grasos poli - insaturados (PUFAs, particularmente en omega - 3 (ω - 3 y omega - 6 (ω - 6 beneficiosas para la salud humana, pero también los PUFAs favorecen a la reacción de autooxidación. E l objetivo de e ste trabajo fue determinar el efecto de antioxidantes sintéticos y de origen natural a concentración de 200 ppm de etoxiquina (EQ, butilhi drixianisol (BHA, butilhidroxitolueno (BHT y fortium (FT, sobre el índice de estabilidad oxidativa (OSI del aceite de chía por rancimat a diferentes temperaturas (90, 100 y 110 °C. El método rancimat está incluido en los estándares AOCS Cd 12b - 92, deb ido a su facilidad de uso y reproducibilidad permite evaluar el OSI en un periodo relativamente corto. Los resultados muestran que entre el BHT y EQ, así como entre el BHA y FT no presentan diferencia estadísticamente significativa (p ≤ 0,05. Siendo el BH T el antioxidante que incrementó en mayor proporción el OSI del aceite de chía, con un factor de protección (FP de 1,30, 1,26 y 1,29 para las diferentes temperaturas aplicadas y con una energía de activación (Ea de 82,75 kJ/mol, por lo tanto, se recomend aría su uso .

  11. Efecto antiinflamatorio y antioxidante del extracto hidroalcohólico de Petiveria alliacea

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    César Zaa

    2013-06-01

    Full Text Available Los radicales libres y el daño oxidativo están relacionados con la muerte celular, siendo la peroxidación lipídica un mecanismo que lleva a la destrucción oxidativa de la membrana celular. Además, en procesos inflamatorios, uno de los primeros estadios es la permeabilidad vascular incrementada (formación del edema seguido de la extravasación de los fluídos, migración de leucocitos al sitio dañado y liberación de proteínas pro-inflamatorias. Evaluamos el efecto antioxidante y antiinflamatorio para Petiveria alliacea“mucura”. Para el efecto antioxidante, se evaluó la formación de especies reactivas al ácido tiobarbitúrico como indicador de la peroxidación lipídica. Dosis 200mg/mL de Petiveria alliaceadisminuyó significativamente en un 42% los niveles de MDA comparado con el agua (control negativo. En la evaluación antiinflamatoria, se indujo la inflamación por inyección de car-ragenina (solución al 1%, en la parte subplantar de ratones y en la “bolsa de aire subcutánea” de ratas para la inflamación aguda y crónica respectivamente. En la evaluación antiinflamatoria hay una máxima reducción del edema en un 23,26% a las 4 horas del tratamiento. Para la inflamación crónica hay una reducción del 25,9% y 29,5% del peso y volumen del exudado extraído, respectivamente, así como una reducción del 24% de peso de tejido fibroso. Estos resultados evidencian efecto antioxidante y antiinflamatorio de Petiveria alliacea.

  12. Caracterização de concentrado protéico de folhas de mandioca obtido por precipitação com calor e ácido Characterization of cassava leaf protein concentrate obtained by heat and acid precipitation

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cláudia de Fátima Modesti

    2007-09-01

    Full Text Available As folhas de mandioca apresentam um teor elevado de proteínas, todavia sua digestibilidade é baixa. A produção de concentrado protéico de folhas de mandioca (CPFM permite a utilização das proteínas das folhas com um reduzido teor de fibras e melhor qualidade protéica. Neste trabalho, analisaram-se características químicas de CPFM obtidos por diferentes formas de precipitação, com calor e com ácido. Os CPFM praticamente não apresentaram diferenças na composição centesimal. O nível de proteína dos CPFM aumentou 57,72% em comparação ao da farinha de folhas de mandioca (FFM. Os rendimentos de extração das proteínas também foram semelhantes para os CPFM. O teor de Fe dos CPFM foi mais elevado quando comparado com o da FFM. A FFM apresentou absorção de água e de óleo mais elevada que os CPFM, mas, entre os tipos de CPFM, os resultados foram semelhantes. A mínima solubilidade de nitrogênio da FFM e dos CPFM foi observada em pH entre 3 e 5. Verificou-se que a FFM apresentou uma capacidade de formação e estabilidade de espuma mais elevada que os CPFM. Tanto a FFM quanto os CPFM não apresentaram boa estabilidade de emulsão.Cassava leaves have a high content of protein of low digestibility. The production of cassava leaf protein concentrate (CLPC enables cassava leaf protein to be used with a reduced fiber content and better protein quality. This work involved an investigation of the chemical characteristics of CLPC produced by different forms of precipitation, using heat and acid. No significant differences were found in the centesimal composition of the CLPC. The protein content in CLPC was 57.72% higher than in cassava leaf flour (CLF. Both types of CLPC precipitation also yielded similar protein concentrations. The CLPC Fe content was higher than that of the CLF. The CLF presented higher water and oil absorption than did CLPC, although the CLPC extracted by the two methods showed similar results. The lowest nitrogen

  13. Estudo anatômico de folha e caule de Elephantopus mollis Kunth (Asteraceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cláudia Bonissoni Empinotti

    Full Text Available Conhecida comumente como erva-de-colégio, erva-grossa e sussuaiá, Elephantopus mollis Kunth (Asteraceae é uma espécie herbácea perene, de base sublenhosa, ramos curtos e flores arroxeadas. Suas folhas são empregadas como emoliente, resolutivo, sudorífico e no tratamento de bronquite, tosse e gripe na medicina popular. O objetivo deste trabalho foi estudar caracteres anatômicos foliares e caulinares, a fim de fornecer subsídios aplicáveis à identificação da planta medicinal. Folhas adultas e fragmentos de caules foram fixados, seccionados e corados com azul de astra/fucsina básica ou com azul de toluidina. Testes microquímicos e análise ultra-estrutural de superfície foram também executados. A folha possui epiderme uniestratificada, recoberta por cutícula estriada e, em vista frontal, tem células com contorno ondulado. Ocorrem tricomas tectores e glandulares. Os primeiros são eretos, pluricelulares e unisseriados. Os tricomas glandulares são capitados e bisseriados. O mesofilo é dorsiventral e a nervura central é percorrida por feixes vasculares colaterais dispostos em arco aberto. O caule, em estrutura secundária inicial, possui epiderme unisseriada com cutícula estriada e tricomas semelhantes aos da folha. No córtex, observam-se colênquima anelar alternado com clorênquima e endoderme com estrias de Caspary. Calotas esclerenquimáticas apõem-se ao floema. Este é formado pelo câmbio vascular em direção à periferia e o xilema é gerado de modo centrípeto. A medula é parenquimática. Pequenos cristais de oxalato de cálcio estão presentes na folha e no caule.

  14. Flavonoids, norisoprenoids and other terpenes from leaves of Tapirira guianensis; Flavonoides, norisoprenoides e outros terpenos das folhas de Tapirira guianensis

    Energy Technology Data Exchange (ETDEWEB)

    Correia, Suzimone de J. [Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia, Jequie, BA (Brazil). Dept. de Quimica e Exatas; David, Jorge M.; Silva, Eliezer P. da [Universidade Federal da Bahia (UFBA), Salvador, BA (Brazil). Inst. de Quimica]. E-mail: jmdavid@ufba.br; David, Juceni P. [Universidade Federal da Bahia (UFBA), Salvador, BA (Brazil). Faculdade de Farmacia; Lopes, Lucia M.X. [UNESP, Araraquara, SP (Brazil). Inst. de Quimica; Guedes, Maria Lenise S. [Universidade Federal da Bahia (UFBA), Salvador, BA (Brazil). Inst. de Biologia

    2008-07-01

    From hexane fraction of methanol extract of leaves of Tapirira guianensis (Anacardiaceae) were obtained lupeol, 24-methylenecycloartan-3-ol, phytol, {alpha}-amyrin, {beta}-amyrin, sitosterol, sitostenone, glycosyl sitosterol, as well as sitosterol esterified with palmitic and stearic acids. Phytol, {alpha}-amyrin and {beta}-amyrin esterified with fatty acids were also identified from same extract. The EtOAc extract besides the norisoprenoids (6S,7E,9S)-6,9-dihydroxy-megastigma-4,7-dien-3-one 9-O-{beta}-glucopyranoside and (6S,7E,9R)-6,9-dihydroxy-megastigma-4,7-dien-3-one 9-O-{beta}-glucopyranoside also afforded kaempferol 3-O-rhamnoside, kaempferol 3-O-arabinofuranoside, quercetin 3-O-rhamnoside, and kaempferol. The structural elucidation of isolated compounds were based on UV, IR, MS, {sup 1}H and {sup 13}C NMR data analysis. (author)

  15. Chemical constituents of leaves from Riedeliella graciliflora Harms (Leguminosae); Constituintes quimicos das folhas de Riedeliella graciliflora Harms (Leguminosae)

    Energy Technology Data Exchange (ETDEWEB)

    Miranda, Mayker Lazaro Dantas; Souza, Alex Fonseca; Rodrigues, Edilene Delphino; Garcez, Fernanda Rodrigues; Garcez, Walmir Silva, E-mail: walmir.garcez@ufms.br [Universidade Federal de Mato Grosso do Sul, Campo Grande, MS (Brazil). Dept. de Quimica; Abot, Alfredo [Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul (UEMGS), Aquidauana, MS (Brazil). Unidade Universitaria de Aquidauana

    2012-07-01

    A new salicylic acid derivative, pentacosanyl salicylate, was isolated from the leaves of the plant toxic to cattle, Riedeliella graciliflora, in addition to a digalactosyldiacylglycerol (DGDG), 1,2-di-O-{alpha}-linolenoy1-3-O-{alpha}-D-galactopyranosy1 -(1{yields}6)-{beta}-D-galactopyranosyl-glycerol, kaempferol-3-O-{beta}-D-glucopyranoside, kaempferol-3-O-{alpha}-L-rhamnopyranoside, quercetin-3-O-{alpha}-L-rhamnopyranoside, rutin, (+)-catechin and the dimer (+)-catechin-(4{beta}-8)-catechin, glutinol, squalene, {beta}-sitosterol, stigmasterol, phytol, {beta}-carotene, a-tocopherol and ficaprenol-12. Their structures were determined using spectral techniques (MS, IR, and NMR-1D and 2D) and based on literature data. (author)

  16. Constituintes químicos voláteis das flores e folhas do pau-brasil (Caesalpinia echinata, Lam.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rezende Claudia M.

    2004-01-01

    Full Text Available The volatile constituents obtained from a static cryogenic headspace of Caesalpinia echinata Lam. (Leguminosae showed E-beta-ocimene as the major compound (57.2%, beside other monoterpenes, C6 derivatives like n-hexanal and (E-2-hexenal and nitrogen compounds such as indole and methyl anthranilate. From the essential oil of the leaves obtained by hydrodistillation in a Clevenger apparatus, (E-3-hexen-1-ol was identified as the major constituent while phenolic compounds were the most representative class of secondary metabolites.

  17. Potencial de actividad antioxidante de extractos fenólicos de Theobroma cacao L. (cacao)

    OpenAIRE

    Quiñones Gálvez, Janet; Trujillo Sánchez, Reinaldo; Capdesuñer Ruiz, Yanelis; Quirós Molina, Yemeys; Hernández de la Torre, Martha

    2013-01-01

    Introducción: Theobroma cacao L. (cacao), familia Sterculiaceae, es una planta rica en fenoles, los cuales en las plantas son de especial interés por su potente actividad antioxidante, dada esencialmente por sus propiedades redox, que pueden desempeñar un papel importante en la absorción y neutralización de los radicales libres. Objetivos: seleccionar un clon promisorio en la producción de compuestos fenólicos, determinar los órganos con mayor contenido de fenoles, establecer el cultivo in vi...

  18. CARACTERÍSTICAS NUTRICIONALES Y ANTIOXIDANTES DE LA FRUTA CURUBA LARGA (Passiflora mollisima Bailey)

    OpenAIRE

    CHAPARRO R, DIANA CAROLINA; MALDONADO C, MARIA ELENA; FRANCO L, MARÍA CAMILA; URANGO M, LUZ AMPARO

    2015-01-01

    La presente revisión muestra el valor nutricional y el impacto para la salud humana del consumo de la fruta curuba larga (Passiflora mollisima Bailey), con base a las características nutricionales y antioxidantes. Pertenece a la familia de las pasifloráceas, es originaria de la zona andina del continente americano y en Colombia se cultiva principalmente en las cordilleras oriental y occidental. Esta fruta es fuente de vitaminas A, C y riboflavina; contiene potasio, fósforo, magnesio, sodio, c...

  19. Propiedades antioxidantes de extractos de curuba (Passiflora mollisima Bailey) en crema de leche

    OpenAIRE

    Ochoa Ospina, Clara Inés; Sepúlveda Valencia, José Uriel; Maldonado, María E; Zapata Acosta, Karol; Alberto Rojano, Benjamín

    2014-01-01

    Antecedentes: la grasa láctea contribuye al sabor y aroma de los productos lácteos y ayuda a absorber las vitaminas liposolubles. Sin embargo es susceptible a reacciones de oxidación, que traen como consecuencia una disminución en la calidad de los productos. Objetivo: evaluar la capacidad antioxidante de la crema de leche suplementada con 0,40 0,60 y 0,80% p/p de extracto de curuba y la estabilidad oxidativa durante 25 días de almacenamiento a 4ºC. Materiales y métodos: para evaluar la oxida...

  20. ESTUDIO DEL CONTENIDO DE FENOLES Y ACTIVIDAD ANTIOXIDANTE DE GUAYABA EN DIFERENTES ESTADOS DE MADUREZ

    OpenAIRE

    JULIO ANDRÉS OLAYA ZEA; LUZ PATRICIA RESTREPO SÁNCHEZ

    2012-01-01

    Este trabajo estudió el contenido de compuestos fenólicos, actividad antioxidante y el contenido de vitamina C, en diferentes estados de madurez del fruto de tres variedades de guayaba de Colombia. Se trabajó con dos de alta producción silvopastoril, la regional roja (RR) y la regional blanca (RB) y una de carácter promisorio como es la variedad guavatá victoria (GV), todas provenientes de la región de la hoya del río Suárez (Santander, Colombia). Se obtuvieron extractos etanólicos y se evalu...

  1. Contenido total de fenoles y actividad antioxidante de pulpa de seis frutas tropicales

    OpenAIRE

    Elizabeth Moreno; Blanca L. Ortiz; Luz P. Restrepo

    2014-01-01

    Seis pulpas de frutas tropicales de origen colombiano: curuba (Passiflora tripartida var. Mollissima), gulupa (Passiflora edulis Sims), aguacate variedad Hass (Persea America Mill), lulo (Solanum quitoense Lam.), tomate de árbol (Cyphomandra betacea Sendt) y uchuva (Physalis peruviana L) fueron empleadas para realizar el estudio del contenido total de fenoles, por el método de Folin Ciocalteu y la actividad antioxidante por los métodos químicos: DPPH (2,2-difenil-2-picrilhidrazilo) y FRAP (po...

  2. ATIVIDADE ANTIOXIDANTE DE EXTRATOS DE RESÍDUO AGROINDUSTRIAL DE GOIABA (PSIDIUM GUAJAVA L.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rosilda Josefa NASCIMENTO

    2010-11-01

    Full Text Available

    Como o objetivo de avaliar o potencial antioxidante de resíduo agroindustrial de goiaba (semente, extratos hidroacetônico, hidrometanólico hidroetanólico e aquoso, obtidos por extração seqüencial, foram submetidos à quantificação do teor de fenólicos totais e a determinação da atividade antioxidante, utilizando dois ensaios: co-oxidação β-caroteno/ácido linoléico e inibição da peroxidação do ácido linoléico. Os extratos hidroacetônico e hidrometanólico exibiram o maior teor de fenólicos totais (5.317,27 e 2.176,46µg mL-1, respectivamente, enquanto que o aquoso e hidroetanólico os mais baixos teores destes constituintes, sendo, portanto, estes últimos excluídos dos experimentos. Em sistema da co-oxidação β-caroteno/ácido linoléico, o extrato hidroacetônico exibiu o mais elevado percentual de inibição da oxidação (81,95%. A cinética da reação revelou que estes extratos, com valores de F1 inferior a 1, são eficientes no início do processo oxidativo, porém exibem atividade pró-oxidante na etapa de propagação da reação em cadeia. O extrato hidroacetônico associado ao BHT em quantidades inferiores a 40mg. L-1 exibe atividade antioxidante estatisticamente semelhante a do BHT na concentração de 100mg.L-1. A ação do extrato hidroacetônico (74,32% e 80,13% sobre a peroxidação do ácido linoléico foi superior a do extrato hidrometanólico (50,50% e 73,70%, nas duas concentrações testadas (140 e 240mg.L-1. Em meio lipídico, o extrato hidroacetônico exibe ação antioxidante relevante, entretanto, apresenta eficiência apenas na etapa inicial da oxidação.

  3. Estudio del comportamiento de antioxidantes naturales adicionados a poliolefinas en aplicaciones industriales

    OpenAIRE

    Castro López, María del Mar

    2013-01-01

    [Resumen] En esta tesis doctoral se ha abordado el uso de antioxidantes naturales como agentes activos para su uso tanto en la protección de polímeros frente a su degradación oxidativa, como en envases activos con el objetivo de proteger tanto al polímero como al alimento envasado. Se han desarrollado varios sistemas cromatográficos y electroforéticos para la identificación y cuantificación de catequinas y quercetina tanto en muestras naturales como en los simulantes alimentarios, y sistemas ...

  4. Ácidos grasos, actividad antioxidante y antibacterial en extractos de verdolaga. (Portulaca Oleracea)

    OpenAIRE

    Moncayo Espín, Cristian Roberto

    2015-01-01

    Desde tiempos prehistóricos las plantas medicinales han sido utilizadas para el tratamiento de diversas afecciones. Estas plantas han sido objeto de un sin número de investigaciones con el fin de encontrar propiedades antioxidantes, antimicrobianas y antimutagénicas. Portulaca oleracea o verdolaga, es una hierba nativa, rica en ácidos grasos omega3 y vitaminas, que ha sido usada con fines medicinales. En el Ecuador, un país rico en biodiversidad, se han encontrado dos especies endémicas perte...

  5. CARACTERIZACIÓN Y ACTIVIDAD ANTIOXIDANTE DEL ACEITE DE LA SEMILLA DE PALTA Persea americana MILL.

    OpenAIRE

    Rengifo, Pedro G.; Carhuapoma, Mario; Artica, Luis; Castro, Américo J.; López, Sofía

    2017-01-01

    La semilla de palta es una parte del fruto descartada en la obtención industrial del aceite de pulpa y podría ser una fuente de ácidos grasos esenciales y otros fitoconstituyentes. El presente trabajo de investigación tuvo como objetivo caracterizar al aceite de la semilla de Persea americana Mill. Var. Hass Fuerte y su actividad antioxidante. Al aceite obtenido por el método de Soxhlet, se le hizo la caracterización fisicoquímica siguiendo las normas AOCS (Sociedad Americana de la Química de...

  6. CAPACIDAD ANTIOXIDANTE Y CALIDAD POST-DESCONGELACIÓN DEL SEMEN EQUINO CRIOPRESERVADO CON QUERCETINA Y ERGOTIONEINA

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    G. Restrepo

    2016-01-01

    Full Text Available Se evaluó la capacidad antioxidante y la calidad post-descongelación del semen equinocriopreservado con quercetina y ergotioneina. Nueve eyaculados provenientes de trescaballos criollos colombianos se criopreservaron bajo tres tratamientos: ergotioneina (100μM, quercetina (100 μM y control (sin antioxidante. Posteriormente a la descongelaciónse evaluaron los siguientes parámetros: la capacidad antioxidante total (CAT delsemen mediante el ensayo del ácido 2,2´-azino-bis-[3-etilbenzotiazolina]-6-sulfónico(ABTS•+; la movilid ad total (MT; la movilidad progresiva (MP; la hiperactividad(HA y las velocidades curvilínea (VCL, lineal (VSL y media (VA P mediante el sistemacomputarizado SCA®; además, la integridad estructural de la membrana y la integridadacrosómica por microscopia de fluorescencia mediante las sondas SYBR/IP y FITC/PNA , respectivamente; la morfología mediante la tinción eosina-nigrosina y la integridadfuncional de membrana a través de la prueba hipoosmótica (HOS. Se realizó el ajustede modelos lineales generalizados (GLM y la comparación de medias por Tukey. LaCAT (μmol trolox/ml del semen descongelado fue superior para la ergotioneina (4,0 ±0,3 y la quercetina (3,9 ± 0,4, respecto del control (2,6 ± 1,5. Para la MT se encontróuna media superior para la ergotioneina (70,3 ± 11,2 %, respecto a la quercetina (63± 10,5 % y al control (66,1 ± 11,2 % (P < 0,05. Para MP, HA, VCL, VSL y VA P, eltratamiento control presentó valores superiores a los tratamientos con antioxidantes (P< 0,05. Se concluye que la ergotioneina y la quercetina incrementan la CAT e influyensobre la movilidad y la cinética post-descongelación del semen equino.

  7. Propiedades nutricionales y antioxidantes de la cañihua (Chenopodium pallidicaule Aellen)

    OpenAIRE

    Bartolo Estrella, Dolly Elisa

    2013-01-01

    El objetivo de esta revisión fue detallar las propiedades nutricionales y antioxidantes de la cañihua (Chenopodium pallidicaule Aellen). La cañihua es uno de los granos andinos menos estudiados y más nutritivos, debido a su contenido y calidad proteica. Esta planta a causa de su crecimiento en condiciones climáticas extremas, como en el altiplano (4000 m.s.n.m.), probablemente ha desarrollado una protección natural contra la oxidación. Los reportes indican que la cañihua tiene una calidad pro...

  8. Carotenoides bixina e norbixina extraídos do urucum (Bixa orellana L. como antioxidantes em produtos cárneos Carotenoids bixin and norbixin from annatto (Bixa orellana L. as antioxidants in meat products

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Carlos Eduardo Rocha Garcia

    2012-08-01

    Full Text Available A oxidação lipídica é uma das principais alterações que acometem os derivados cárneos em razão da composição química rica em lipídios e íons ferro, utilização de processos térmicos e de moagem, além do frequente uso do cloreto de sódio, um reconhecido catalisador desta reação. Os antioxidantes são substâncias utilizadas para inibir ou retardar a rancidez oxidativa, porém, seu uso desperta a atenção de consumidores e agências reguladoras, quanto à segurança que acompanha o consumo de aditivos sintéticos. Este trabalho teve por objetivo avaliar o uso dos carotenoides bixina e norbixina como antioxidantes em produtos cárneos por meio da revisão de suas características químicas, métodos de obtenção, toxicidade e aplicações tecnológicas. Esses pigmentos são extraídos das sementes do urucum (Bixa orellana L. por métodos que envolvem o uso de solventes orgânicos, extração supercrítica ou ainda a utilização da tecnologia de micro-ondas. No Brasil, o uso dessas substâncias é previsto na legislação como corante alimentício, porém, estes carotenoides apresentam extensas cadeias carbônicas insaturadas que permitem a adição de radicais livres e lhes conferem a capacidade de atuar como antioxidantes. As diferenças estruturais entre bixina e norbixina resultam em particularidades quanto à polaridade, solubilidade, coloração e, por consequência, determinam singulares aplicações tecnológicas. Nas concentrações previstas pelas agências reguladoras, o consumo desses carotenoides é seguro e além das aplicações como corante, podem ser utilizados pela indústria como antioxidantes naturais, oportunizando uma alternativa capaz de substituir ou minimizar o uso de aditivos sintéticos em produtos cárneos.Lipid oxidation is one of the major modifications that affect meat products due to chemical composition, heat and grinding processes beyond the routine use of sodium chloride, a recognized catalyst

  9. Distribution of the endophytic fungi community in leaves of Bauhinia brevipes (Fabaceae Distribuição da comunidade de fungos endofíticos em folhas de Bauhinia brevipes (Fabaceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Mariana Patrícia Amorim Hilarino

    2011-12-01

    em folhas não expandidas, nove em folhas recentemente expandidas e 17 foram encontradas apenas em folhas maduras. A composição endofítica variou de acordo com as regiões foliares; a similaridade (índice de Jaccard entre as regiões das folhas de diferentes estágios variou de 0,36 a 0,46, indicando uma alta variação espacial da comunidade de fungos endofíticos dentro da folha. A alta riqueza de endofíticos neste hospedeiro demonstra uma significante contribuição dos fungos para a biodiversidade tropical e a necessidade de pesquisas futuras nesta área.

  10. Mecanismos moleculares de ação anti-inflamatória e antioxidante de polifenóis de uvas e vinho tinto na aterosclerose

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    M. Séfora-Sousa

    2013-01-01

    Full Text Available Este trabalho visa investigar os possíveis mecanismos moleculares de ação dos polifenóis de uvas e vinho tinto contra os processos oxidativos e inflamatórios envolvidos na aterosclerose. Trata-se de um estudo de revisão de literatura realizado por meio de buscas nas bases de dados PubMed e ScienceDirect utilizando os seguintes descritores: vinho tinto, uva, polifenóis, resveratrol, aterosclerose, LDL-oxidada, inflamação, estresse oxidativo, NF-kB, AP-1, Nrf2, SIRT-1, MicroRNA. Embora tais mecanismos ainda não estejam totalmente esclarecidos, os estudos indicam que compostos fenólicos presentes em uvas podem se complexar com metais (como ferro e cobre que provocam peroxidação dos lipídios, aumentam a atividade antioxidante do plasma, associam-se com a LDL-c aumentando sua resistência à oxidação, preservam a atividade da enzima paraoxonase, neutralizam radicais livres, e ativam fatores de transcrição como o Nrf2, que aumenta a expressão de genes que codificam proteínas importantes na defesa antioxidante, como a superóxido dismutase e a glutationa peroxidase. Além disso, os polifenóis inibem a fosforilação de MAP quinases, inibindo assim os fatores de transcrição NF-kB e AP-1 e, consequentemente, reduzindo a síntese do TNF-á, interleucinas, moléculas de adesão e quimiocinas. Também inibem a atividade das enzimas cicloxigenase e lipoxigenase. Outro mecanismo proposto é a ação do resveratrol sobre a atividade de deacetilases de histonas, como a SITR-1. Estas ações em conjunto reduzem a oxidação da LDL-c e o processo inflamatório, atenuando o processo aterogênico.

  11. INFLUÊNCIA DE DIFERENTES TÉCNICAS DE CULTIVO SOBRE O POTENCIAL ANTIOXIDANTE DE CRUCÍFERAS INFLUENCE OF DIFFERENT AGRICULTURAL CROPS UPON THE ANTIOXIDANT CAPACITY OF CRUCIFEROUS VEGETABLES.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    K. A. ARBOS

    2008-08-01

    Full Text Available

    A família Cruciferae possui exemplares importantes empregados na dieta humana, contribuindo como fonte de substâncias antioxidantes. Desta maneira, destaca-se a importância da avaliação do potencial antioxidante, uma vez que seu consumo é regular na dieta do brasileiro. No presente trabalho, a capacidade antioxidante de extratos obtidos de repolho branco, couve-manteiga, couve-flor, brócolis, agrião e rabanete, obtidos de cultivo convencional, hidropônico e orgânico quando possível, foi avaliada in vitro pelo método de redução do complexo fosfomolibdênio, usando-se a vitamina C como padrão de referência, e a rutina para comparação dos resultados. Os extratos das crucíferas avaliados demonstraram capacidade antioxidante significativamente superior às da vitamina C e rutina, porém com variação na intensidade do efeito dependendo da espécie e variedade estudadas, assim como da parte do vegetal e do tipo de cultivo. Embora devam ser interpretados com cautela, pois inúmeros fatores interferem na qualidade dos vegetais, os resultados da capacidade antioxidante aqui apresentados e discutidos favorecerem os efeitos benéficos do consumo de crucíferas, com destaque àquelas de cultivo orgânico.

    The Cruciferae family has many important species for the regular human diet as they provide many antioxidant components. Being routinely present as part of the Brazilian folk meals, it is worthy to evaluate their antioxidant potential. In the present work, the antioxidant capability of extracts prepared from white cabbage, kale, cauliflower, broccoli, watercress, and radish, obtained from conventional, hydroponic, and organic agricultural procedures whereas possible, was investigated in vitro by the chemical method of the phosphomolybdenum complex, using

  12. Avaliação do equilíbrio entre oxidantes e antioxidantes na patogénese da doença pulmonar obstrutiva crónica

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    C. Cristóvão

    2013-03-01

    Full Text Available Resumo: A doença pulmonar obstrutiva crónica (DPOC é uma das doenças crónicas mais comuns e representa uma importante causa de morbilidade e mortalidade. Um desequilíbrio entre oxidantes e antioxidantes (stress oxidativo tem sido proposto como um acontecimento importante na patogénese da DPOC. O aumento do stress oxidativo em doentes com DPOC é o resultado da presença de oxidantes exógenos, nomeadamente, poluentes e fumo do tabaco, assim como oxidantes endógenos produzidos durante a inflamação. O objetivo do presente estudo consistiu em clarificar a hipótese sobre a existência de um desequilíbrio entre oxidantes e as defesas antioxidantes associado à DPOC. Neste estudo, avaliou-se um biomarcador do stress oxidativo (malonildialdeído, um produto resultante da peroxidação lipídica e antioxidantes não-enzimáticos (vitamina C e grupos sulfidrilo, em doentes com DPOC e em controlos saudáveis. Observou-se um aumento significativo (p < 0,001 do marcador do stress oxidativo nos doentes com DPOC comparativamente ao grupo controlo. Não foram encontradas alterações dependentes da idade nos níveis dos produtos da peroxidação lipídica. Os doentes DPOC apresentaram uma diminuição significativa (p < 0,001 do status antioxidante, comparativamente ao grupo controlo. Os nossos resultados evidenciam que o stress oxidativo representa uma importante alteração fisiopatológica na DPOC. Abstract: Chronic Obstructive Pulmonary Disease (COPD is one of the most common chronic diseases and a major cause of morbility and mortality. An imbalance between oxidants and antioxidants (oxidative stress has been proposed as a critical event in the pathogenesis of COPD. The increased oxidative stress in patients with COPD is the result of exogenous oxidants namely pollutants and cigarette smoke as well as endogenous oxidant production during inflammation. The aim of the present study was to clarify the hypothesis about the presence of an

  13. DAS performance analysis

    International Nuclear Information System (INIS)

    Bates, G.; Bodine, S.; Carroll, T.; Keller, M.

    1984-02-01

    This report begins with an overview of the Data Acquisition System (DAS), which supports several of PPPL's experimental devices. Performance measurements which were taken on DAS and the tools used to make them are then described

  14. Antioxidantes, atividade física e estresse oxidativo em mulheres idosas Antioxidants, physical activity and oxidative stress in older women

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    José Rubens Rebelatto

    2008-02-01

    Full Text Available OBJETIVO: Verificar a influência da suplementação de vitaminas antioxidantes na dieta de mulheres idosas que praticam exercícios físicos regulares, sobre o estresse oxidativo, indicadores da saúde física e risco de enfermidades cardiovasculares (ECV. MÉTODO: Foram observados dois grupos (S e C de mulheres com idades entre 60 e 80 anos participantes de um programa de atividades físicas durante 58 semanas, com freqüência de três vezes por semana e duração de 50 a 55 minutos cada sessão. A dieta habitual do Grupo S (n=36 foi suplementada diariamente com 330 ml de uma bebida antioxidante (FuncionaTM; o Grupo C (n=32 ingeriu água e se caracterizou como controle. Como indicadores do estresse oxidativo foram determinadas as concentrações plasmáticas de glutationa reduzida (GSH e oxidada (GSSG, calculada a relação molar GSH/GSSG, e identificado o dano oxidativo em lipídios e proteínas. As condições físicas e cardiovasculares foram avaliadas por meio dos parâmetros antropométricos habituais (peso, altura e índice de massa corporal e da pressão arterial. RESULTADOS: O Grupo C apresentou aumentos significativos do estresse oxidativo, redução da pressão arterial e dos valores médios de indicadores de risco de ECV. O Grupo S teve o estresse oxidativo reduzido significativamente e apresentou incremento dos ganhos cardiovasculares. Não foram identificadas significâncias em relação aos efeitos ergogênicos. CONCLUSÃO: Os dados indicam que mulheres idosas que realizam exercícios físicos freqüentes melhoram suas condições físicas e cardiovasculares e que o suplemento dietético continuado de alimentos funcionais antioxidantes podem minimizar os efeitos danosos das espécies reativas de oxigênio.OBJECTIVE: To verify the influence of dietary antioxidant supplementation in older women who regularly practice physical activities, on the occurrence of oxidative stress, physical health and risk of cardiovascular diseases

  15. Toxicity and antioxidant activity of flavonoids from Lonchocarpus filipes root bark; Toxicidade e atividade antioxidantes de flavonoides das cascas das raizes de Lonchocarpus filipes

    Energy Technology Data Exchange (ETDEWEB)

    Santos, Erica L.; Costa, Emmanoel V.; Marques, Francisco A.; Vaz, Nelissa P.; Maia, Beatriz Helena L.N. Sales [Universidade Federal do Parana (UFPR), Curitiba, PR (Brazil). Dept. de Quimica; Magalhes, Eva G.; Tozzi, Ana Maria A. [Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP), SP (Brazil). Inst. de Quimica. Dept. de Quimica Organica

    2009-07-01

    The phytochemical investigation of dichloromethane extract from root bark of Lonchocarpus filipes Benth (Leguminosae) afforded four flavonoids including three dibenzoylmethane derivatives rarely found in nature. The structures were established based on their spectral data ({sup 1}H and {sup 13}C NMR, 2D-NMR) as being: lanceolatin B (1), pongamol (2), (E)-7-O-methylpongamol (3) and (E)-9-O-methylpongamol (4). Compound (4) is described herein for the first time as a natural product. The extracts and the isolated compounds (1), (2) and (3) displayed high toxicity in the brine shrimp lethality assay. Only compound (2) showed antioxidant activity using a DPPH radical scavenging assay. This is the first report on the phytochemical study of Lonchocarpus filipes. (author)

  16. Contribuição ao estudo fitoquímico de Dorstenia multiformis Miquel (Moraceae com abordagem em atividade antioxidante

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luciana Balestrin

    Full Text Available Conhecida como carapiá, a espécie Dorstenia multiformis Miquel, Moraceae, é largamente empregada na medicina popular contra doenças de pele. Neste trabalho determinou-se a atividade antioxidante de substâncias isoladas, do extrato etanólico, e frações hexano, clorofórmio e acetato de etila. Todas as amostras testadas apresentaram atividade antioxidante, sendo que a fração clorofórmio foi a que apresentou maior atividade antioxidante.

  17. ESTUDIO DEL CONTENIDO DE FENOLES Y ACTIVIDAD ANTIOXIDANTE DE GUAYABA EN DIFERENTES ESTADOS DE MADUREZ

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    JULIO ANDRÉS OLAYA ZEA

    2012-09-01

    Full Text Available Este trabajo estudió el contenido de compuestos fenólicos, actividad antioxidante y elcontenido de vitamina C, en diferentes estados de madurez del fruto de tres variedadesde guayaba de Colombia. Se trabajó con dos de alta producción silvopastoril, la regionalroja (RR y la regional blanca (RB y una de carácter promisorio como es la variedadguavatá victoria (GV, todas provenientes de la región de la hoya del río Suárez (Santander,Colombia. Se obtuvieron extractos etanólicos y se evaluaron el contenido defenoles libres, capacidades antioxidantes por ABTS●+ y DPPH●, FRAP, decoloración del bcarotenoy el contenido de vitamina C por HPLC. La guayaba RB en estado maduro fuela variedad que mostró mayor valor de contenido de fenoles libres y mejores capacidadesantioxidantes y la RR fue la que presentó mayor valor de contenido de vitamina C.

  18. Propagação de oliveira 'Koroneiki' pelo método de estaquia em diferentes épocas, concentrações de AIB e presença de folhas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Gener Augusto Penso

    2016-06-01

    Full Text Available RESUMO Objetivou-se, com este trabalho, avaliar as influências da época, da concentração de AIB e da presença de folhas na propagação por estaquia da oliveira 'Koroneiki'. Estacas de 10 cm de comprimento foram retiradas da porção mediana de ramos de plantas de três anos de idade, na Universidade Tecnológica Federal do Paraná, entre junho de 2013 e março de 2014. O experimento foi conduzido no delineamento inteiramente ao acaso, com quatro repetições de dez estacas, sendo um fatorial triplo [épocas (junho, setembro, dezembro, março; número de pares de folhas (0, 1 e 2 e concentração de AIB (0, 1.000, 2.000 e 3.000 mg L-1]. O tratamento com AIB consistiu na imersão rápida da base da estaca, por cinco segundos, seguida do plantio em tubetes com substrato comercial. Após, as estacas permaneceram em câmara úmida, sob nebulização, por 60 dias. Decorrido este período, mensuraram-se a sobrevivência (%, a formação de calos (%, o número de brotos por estaca e o enraizamento (%. Para maiores sobrevivência, formação de calo e enraizamento é necessária a manutenção de, pelo menos, um par de folhas nas estacas. A estaquia em dezembro não é recomendada, independentemente das técnicas auxiliares utilizadas. Sem a utilização de AIB, recomenda-se realizar a estaquia em junho e setembro, desde que mantido um par de folhas. Para a estaquia realizada em março, deve-se manter pelo menos um par de folhas, em combinação com doses de 2.000 ou 3.000 mg L-1 de AIB.

  19. Desenvolvimento vegetativo e reprodutivo de cultivares de trigo e sua associação com a emissão de folhas Vegetative and reproductive development of wheat cultivars and its association with leaf appearance

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Lidiane Cristine Walter

    2009-11-01

    Full Text Available O objetivo deste estudo foi determinar a relação da duração das fases vegetativa, reprodutiva e total do ciclo de desenvolvimento com o número final de folhas e com a velocidade de aparecimento de folhas no colmo principal, em cultivares brasileiras de trigo, variando-se a data de semeadura. Um experimento de campo foi realizado em Santa Maria, Rio Grande do Sul (RS, com 13 datas de semeadura ao longo de três anos (2005, 2006 e 2007. Foram utilizados seis genótipos de trigo com ciclos de desenvolvimento variando de precoce a tardio: 'BRS LOURO', 'CEP 52', 'BRS 177', 'CEP 51', 'NOVA ERA' e 'BRS TARUMÃ'. Para cada cultivar e data de semeadura, foi determinada a duração, em °C dia, das fases vegetativa (emergência - antese e reprodutiva (antese - maturidade fisiológica e do ciclo total (emergência - maturidade fisiológica, o número final de folhas e o filocrono (tempo para aparecimento de duas folhas sucessivas no colmo principal e a relação entre essas variáveis por meio de análise de regressão. Os resultados indicam que a duração do ciclo total das cultivares de trigo tem relação direta com a duração da fase vegetativa e não com a fase reprodutiva, a qual foi similar entre as cultivares, e que a duração da fase vegetativa tem relação direta com o número final de folhas e não com a velocidade de aparecimento dessas folhas no colmo principal.The objective of this study was to determine the relationship between the duration of vegetative, reproductive and total developmental cycle with the main stem final leaf number and with the main stem leaf appearance rate in Brazilian wheat cultivars, varying the sowing date. A field experiment was carried out in Santa Maria, RS, in 13 sowing dates during three years (2005, 2006 and 2007. Six wheat genotypes with developmental cycle varying from early to late were used: BRS LOURO, CEP 52, BRS 177, CEP 51, NOVA ERA, and BRS TARUMÃ. For each cultivar and sowing date, the

  20. Capacidad antioxidante y contenido de fenoles totales de Hyptis spp., P. Heptaphyllum, T. Panamensis, T. Rhoifolia, y Ocotea sp.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Geovanna Tafurt García

    2015-05-01

    Full Text Available En este trabajo se evaluó la posible correlación entre las actividades antioxidantes, el contenido de fenoles totales (CFT y la composición química de Lamiaceae (H. conferta, H. dilatata, H. mutabilis, H. suaveolens, Burseraceae (P. heptaphyllum, T. rhoifoila, T. panamensis y Lauraceae (Ocotea sp.. Para los extractos etanólicos obtenidos por maceración en frio y evaporación a sequedad, la Capacidad Antioxidante Equivalente al Trolox o la Actividad Antioxidante Total (AAT, fueron determinadas mediante un ensayo colorimétrico con el catión radical ABTS, la Concentración Efectiva (EC50 fue evaluada con el radical DPPH, y el Contenido de Fenoles Totales (CFT, fue establecido mediante el método de Folin-Ciocalteu. Tanto la AAT como la EC50 estuvieron altamente correlacionados con el CFT. Las cortezas de T. rhoifolia y T. panamensis mostraron las capacidades antioxidantes más altas. Las Burseraceae spp. mostraron los TPC más altos y las Lamiaceae (Hyptis spp. mostraron los TPC más bajos.

  1. Consumo de antioxidantes durante tratamento quimioterápico Antioxidants consumption during chemotherapy treatment

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Caroline Cavali Rohenkohl

    2011-06-01

    Full Text Available RACIONAL: O câncer é definido como enfermidade multicausal crônica, em que as células possuem crescimento descontrolado. Resulta de vários fatores, sendo um dos principais, a dieta inadequada. As fases de iniciação, promoção e progressão de carcinogênese têm sido frequentemente relacionadas ao estresse oxidativo. OBJETIVO: Verificar o consumo de antioxidantes em pacientes com câncer durante os diferentes ciclos de quimioterapia. MÉTODOS: Estudo descritivo exploratório, incluindo pacientes em tratamento quimioterápico em ambulatório de quimioterapia. Para investigar o consumo de antioxidantes foi elaborado um questionário de frequência alimentar semi-quantitativo (QFASQ e uma ficha de anamnese clinica - nutricional. RESULTADOS: Amostra foi composta por 30 pacientes com idade média de 56,4±2,3 anos. De acordo com o consumo diário representado pelos ciclos, houve adequado consumo de vitamina C, vitamina E e Zinco e inadequado consumo de vitamina A e Selênio. Ao dividir a tabela estudada segundo os quatro quartis de consumo diário de antioxidantes, houve consumo adequado de vitamina A em 25% da amostra e inadequado de vitamina C, vitamina E, zinco em 25% da amostra e de também selênio em todos os ciclos. Entre as fontes alimentares consideradas ricas nos antioxidantes estudados, as mais consumidas foram cenoura, espinafre, mamão, laranja, óleo de soja, óleo de girassol, carne vermelha, queijo e carne de frango. CONCLUSÃO: A população estudada atingiu o consumo diário recomendado para os antioxidantes analisados quando dividida nos ciclos do tratamento, mas houve porcentagem alta de consumo inadequado quando dividida nos quartis. Desta forma, a orientação nutricional é um fator indispensável para auxiliar na prevenção e controle do câncer.BACKGROUND: The cancer is defined as chronic multifactorial disease, in which cells have uncontrolled growth. Several factors contribute to its development, one of them is

  2. CONSUMO DE NUTRIENTES, DIGESTIBILIDADE IN VIVO E IN VITRO DE DIETAS PARA CÃES CONTENDO POLPA DE CITRUS E FOLHA DE ALFAFA

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Malafaia Maria Isabel Fonseca Rocha

    2002-01-01

    Full Text Available Determinaram-se os consumos de nutrientes e a digestibilidade aparente, in vivo e in vitro, em dez cadelas submetidas a uma dieta controle (R0 acrescida de 10 (R10 e 20% (R20 de uma mistura contendo polpa de citros (PC e folhas de feno de alfafa. A digestibilidade foi estimada pela coleta total de fezes e pelo uso das cinzas insolúveis em ácido. Quando expressos em % do peso vivo, os consumos de água, de matéria seca (MS, de matéria orgânica (MO e de proteína bruta (PB diminuiram à medida que os níveis de fibra aumentaram. Entretanto, a digestibilidade da MS, da PB, da fibra em detergente neutro (FDN e do extrato etéreo (EE aumentou com o acréscimo do consumo das fontes fibrosas. A digestibilidade estimada pelos dois métodos resultou em valores cuja diferença não ultrapassou 5 unidades. Houve diferenças nos valores de digestibilidade in vitro quanto à origem do inóculo fecal e os maiores valores foram para as amostras dos ingredientes fibrosos incubados com inóculo oriundo dos animais que estavam ingerindo as dietas contendo as fontes de fibra. A polpa de citros resultou na maior digestibilidade in vitro, enquanto que a ração controle, na menor.

  3. Caracterização anatômica e química de folhas de Jacaranda puberula (Bignoniaceae presente na Mata Atlântica

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria Bernadete Gonçalves Martins

    Full Text Available A espécie Jacaranda puberula (Bignoniaceae é conhecida popularmente como "carobinha" sendo utilizada na medicina popular em comunidades tradicionais. O objetivo deste trabalho foi realizar a caracterização anatômica e química das folhas de J. puberula. Para a análise anatômica utilizou-se a microscopia de luz e microscopia eletrônica de varredura (MEV. Para a análise química utilizou-se a Cromatografia Líquida de Alta Eficiência (CLAE. O mesofilo é dorsiventral, a epiderme unisseriada com cutícula espessa, tricomas glandulares do tipo peltado e tricomas tectores em ambas as faces da epiderme, parênquima clorofiliano com duas a três camadas de células paliçádicas e quatro a cinco camadas de células formando o parênquima lacunoso, de tamanho pequeno, com muitos espaços intercelulares, hipoestomática com nervura pinada. Os estudos através de MEV evidenciaram a epiderme recoberta com cera epicuticular e glândulas peltadas com maior incidência na epiderme da face abaxial, constituídas por oitos células secretoras apicais. A análise cromatográfica do extrato etanólico evidenciou a presença de fitoquinóides e flavonóides.

  4. Butylated caffeic acid: An efficient novel antioxidant; Ácido cafeico butilado: un nuevo y eficaz antioxidante.

    Energy Technology Data Exchange (ETDEWEB)

    Shi, G.; Liao, X.; Olajide, T.M.; Liu, J.; Jiang, X.; Weng, X.

    2017-07-01

    A novel antioxidant, butylated caffeic acid (BCA) was rationally designed by adding a tert-butyl group to caffeic acid, which was synthesized at a high yield (36.2%) from 2-methoxy-4-methylphenol (1) by a four-step reaction including Friedel-Crafts alkylation, bromine oxidation, ether bond hydrolysis and Knoevenagel condensation. Its antioxidant capacity was much stronger than common commercial antioxidant tert-butyl hydroquinone (TBHQ) and its mother compound, caffeic acid, in both rancimat and deep frying tests. When investigated via the DPPH method, the antioxidant capacity of BCA was almost equal to TBHQ, but lower than caffeic acid. BCA could be a potentially strong antioxidant, especially for food processing at high temperatures such as deep frying and baking. [Spanish] Se diseñó razonadamente un nuevo antioxidante, el ácido cafeico butilado (BCA) mediante la adición de un grupo terc-butilo al ácido cafeico, que se sintetizó con un alto rendimiento (36,2%) a partir de 2-metoxi-4-metilfenol, reacción de Friedel-Crafts, oxidación de bromo, hidrólisis del enlace éter y condensación de Knoevenagel. Su capacidad antioxidante fué mucho más fuerte que la del antioxidante comercial mas común el terc-butil hidroquinona (TBHQ) y la de su compuesto madre el ácido cafeico, tanto en rancimat como en pruebas de fritura. Cuando se investigó mediante el método DPPH, la capacidad antioxidante de BCA fue casi igual a TBHQ, pero menor que la del ácido cafeico. BCA podría ser un fuerte antioxidante potencial, especialmente para el procesamiento de alimentos a alta temperatura, tales como freír y hornear.

  5. Petrographic characterization and preliminary lithogeochemistry of albitites from Folha Bramado, northwest of Bahia state, Brazil

    International Nuclear Information System (INIS)

    Burgos, Cristina Maria; Pinho, Ivana Conceicao de Araujo; Martins, Adriano Alberto Marques; Teixeira, Leo Rodrigues; Oliveira, Rita Cunha Leal Menezes de; Cruz Filho, Basilio Elesbao da; Wosniak, Ricardo

    2011-01-01

    The mapping geological works carried out by CPRM, in the scope of the Brumado-Condeuba Project, had proceeded to the sampling from granitoids in the 'Folha Brumado'. The majority of the samples were classified as biotite gneiss and two of them recognized as albitites. Lithogeochemical data had proved that the rocks are alkaline, metaluminous, potash-rich (except for the two classified as albitites that are soda-rich), enriched in rare earth elements, with negative anomaly in europium and typical standards of A-type granitoids. They had been located in the field of the within-plate granites in the discrimination diagrams for the tectonic interpretation. The albitites of the 'Folha Brumado' are similar to the albitites that had been described in the Uranium Province of Lagoa Real. (author)

  6. Utilização de planejamento fatorial para a determinação da capacidade antioxidante e doseamento de flavonoides totais em Verbena minutiflora Briq. ex Moldenke (gervai

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    K.E. PELOI

    2016-03-01

    Full Text Available RESUMO Verbena minutiflora Briq. ex Moldenke (gervai tem seu uso medicinal relatado popularmente para tratamento de doenças hepáticas, diarreia e outros problemas de saúde. Entretanto, pouco se conhece a respeito de seus componentes químicos e estudos que comprovem suas propriedades medicinais são escassos. O objetivo desse estudo foi avaliar a composição química dos extratos aquosos e etanólicos de flores de V. minutiflora e otimizar processos de obtenção de extratos com maiores capacidades antioxidantes e maiores concentrações de flavonoides. O método de extração foi desenhado por planejamento fatorial, onde as variáveis para a determinação da capacidade antioxidante foram: pH, extração líquida, método e tempo de extração. Para a determinação de flavonoides totais as variáveis avaliadas por planejamento fatorial foram: concentração de hexametilenotetramina, tipo de ácido, volume de ácido e tempo de aquecimento. Os resultados das análises químicas dos extratos mostraram: aminogrupos, taninos e ácidos fixos (extrato aquoso aminogrupos, flavonoides, triterpenos, esteroides, alcaloides e cumarinas (extrado hidroetanólico. Os resultados dos planejamentos fatoriais mostraram que o melhor método de extração para a capacidade antioxidante foi o que usou vórtex, por 35 min, com água:etanol 50:50, com pH1, obtendo 0,1899± 5,8.10-3 mmol expressos em ácido ascórbico g-1 nos extratos de V. minutiflora. Enquanto, para as dosagens de flavonoides totais as variáveis significantes foram: tipo de ácido e volume de ácido. A melhor extração obtida foi: 6,748. 10-2± 2,085 10-3% expressos em quercetina. Os resultados mostraram que o planejamento fatorial é uma importante ferramenta para a otimização de extração de componentes químicos em produtos naturais.

  7. Decomposição in situ de folhas senescentes de pereira (Pyrus communis L. cv. Rocha In situ decomposition of pear (Pyrus communis L. cv. Rocha senescent leaves

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    C. Neto

    2007-07-01

    Full Text Available Estudou-se a variação da perda de peso e a contribuição das folhas senescentes de pereira (cv. Rocha para a restituição de azoto (N ao solo através da técnica dos sacos de decomposição in situ, colocados em Outubro de 2003 à superfície do solo dum pomar situado no Cadaval (Oeste de Portugal. Os sacos contendo folhas senescentes colhidas em pereiras com um ano de plantação e fertilizadas com três níveis de N (0, 10 e 40 kg N/ha, foram recolhidos em Dezembro de 2003, Janeiro, Fevereiro, Maio, Julho e Outubro de 2004 e Março de 2005. No mesmo pomar enterraram-se, em Outubro de 2003, 12 cilindros de PVC, contendo à superfície folhas senescentes de pereiras com três anos de plantação e fertilizadas com 40 kg N/ha de adubo enriquecido com 10% de átomos de 15N. Os cilindros foram recolhidos em Janeiro, Março, Junho e Novembro de 2004. Determinouse a variação do peso e os teores de N total e enriquecimento em 15N nos resíduos, e nas amostras de terra avaliaram-se os teores de N “total”, N-inorgânico e carbono (C orgânico, bem como os nitratos potencialmente lixiviados e adsorvidos em resinas de troca aniónica, em cada data. A decomposição in situ das folhas senescentes das pereiras ‘Rocha’ jovens variou significativamente com a fertilização azotada após 506 dias. As folhas provenientes da modalidade 0 kg N/ha apresentaram menor peso residual (21% do inicial e menor teor de N (44% do teor inicial de N comparativamente com as folhas resultantes das modalidades adubadas com N, no final do período em estudo. Padrão idêntico de comportamento verificou-se na decomposição in situ das folhas das árvores com três anos, colocada à superfície do solo dos cilindros de PVC enterrados. A mineralização do N destas folhas levou à disponibilização do N para as árvores no início do abrolhamento e a partir de Junho, não se tendo observado lixiviação do N mineral produzido.The weight loss of one year-old

  8. O consumo de antioxidantes e o balanço energético na dieta de praticantes de hidroginástica em idade sénior

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Filomena Calixto

    2007-06-01

    Full Text Available Existe uma evidência epidemiológica muito sustentada que associa o consumo de alimentos vegetais (cereais, frutas e legumes à redução da incidência de numerosas doenças cardiovasculares, cancerígenas, neurodegenerativas e à preservação da saúde no geral. Também é aceite e está largamente demonstrado que a actividade física associada a uma dieta equilibrada contribui para a saúde e o bem estar do indivíduo (Coyle, 2000. Sabe-se ainda que o exercício físico funciona como um factor de stress fi siológico e metabólico (Quiles et al., 1999, devido ao aumento da actividade mitocondrial que leva a um incremento na produção de radicais livres. O exercício moderado praticado pelo menos cinco vezes por semana está relacionado com uma melhoria da saúde do indivíduo (ACSM, 2005. O exercício demasiado intenso e prolongado com períodos de recuperação defi cientes tem sido relacionado com uma redução das capacidades e funções imunitárias (Gleeson et al., 2001, 2004, Nieman, 1995 e com alterações bioquímicas e hormonais (Gleeson and Bishop, 2000 características dos estados de stress. Em qualquer dos casos os mecanismos de defesa antioxidante associados ao consumo adequado de fontes alimentares ricas em antioxidantes é essencial para potenciar os efeitos benéfi cos do exercício ou para atenuar os efeitos do stress oxidativo. (…

  9. Protein concentrate obtainment from leaves and aerial part cassava (ManihotesculentaCrantzObtenção de concentrado protéico de folhas e parte aérea da mandioca (ManihotesculentaCrantz

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Janaina Lima da Silva

    2012-12-01

    Full Text Available The aerial parts of cassava, constituted by leaves, stalk sand stems, are considered as agro-industrial waste, so, they are thrown away during roots crop. This material has content of protein, vitamin and mineral; therefore, it can be used as a dietary supplement for food industries. Thus, alternatives have come to extract protein from leaves and remove toxic agent sand anti-nutrients that make part of their composition. In this context, this study aimed at evaluating yield, mineral composition and functional properties of protein concentrates from leaves and aerial part of cassava. During the extraction of proteins, the following tested methods were:(1 isoelectric precipitation; (2 natural fermentation for five days; (3 fermentation for 48 hours and (4 fermentation for 48 hours, followed by pH adjustment. A 2 x 4 factorial design was used, the studied factors were the products (leaves and shoots and the method of protein extraction (four methods, with three replications. From the results, it was observed that Method1 provided the highest yields of protein concentrate and protein extraction for cassava leaves, however, there was no significant difference among the extraction methods for the aerial part of cassava. The values of Fe, Mn and Zn increased in protein concentrates obtained both in leaves and the aerial part of cassava, especially for Method 3. The capacities of absorbing water and oil from protein concentrates were considered high for the four studied methods, thus, indicating a good application in food products.As partes aéreas da mandioca, representadas pelas folhas, hastes e caules, constituem-se como resíduos agroindustriais por serem desperdiçadas na colheita das raízes. Esse material possui valor protéico, vitaminas e mineiras, propiciando sua utilização como suplemento alimentar nas indústrias alimentícias. Alternativas neste sentido surgem para extrair a proteína das folhas e eliminar os agentes tóxicos e

  10. Extracción de antioxidantes a partir de subproductos del procesado de la almendra

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Bartolomé, Begoña

    2007-06-01

    Full Text Available In this work, 8 different solvents/mixtures have been tested for the extraction of antioxidants from by-products derived from the industrial processing of almonds (skin or seed coating, brown hull, and green shell cover or mesocarp. The oxygen radical absorption capacity (ORAC as well as the phenolics content of the extracts has been determined. The extracting solution methanol/HCl (1000:1, v/v was the most effective for the almond skin and shell, whereas, for the hull, it corresponded to acetone/water (50:50, v/v, resulting in ORACFluorescein values of 0.467, 1.45 and 0.0504 mmol of Trolox/mg, respectively. At the same time, the mixtures acetone/water exhibited the highest content of total polyphenols and proanthocyanidins for the three by-products studied. Finally, results have shown that the by-products derived from almond processing, in particular, the skin and shell, posses a similar antioxidant capacity to that of grape by-products which are currently used in the development (or production of antioxidant products.En este trabajo se han ensayado 8 disolventes/mezclas distintas para la extracción de antioxidantes a partir de los subproductos derivados del procesado industrial de la almendra (piel, cáscara y mesocarpio. Se ha determinado la capacidad de absorción de radicales oxígeno (ORAC de los extractos, así como su contenido fenólico. La solución extractante metanol/HCl (1000:1, v/v resultó más efectiva para la piel y el mesocarpio, mientras que para la cáscara lo fue la mezcla acetona/agua (50:50, v/v, dando lugar a valores ORACFluoresceína de 0,467, 1,45 y 0,0504 mmol de Trolox/mg, respectivamente. Por otro lado, las mezclas acetona/agua presentaron los valores más altos de polifenoles totales y proantocianidians para los tres subproductos ensayados. Finalmente, se concluye que los subproductos del procesado de la almendra, en particular, la piel y el mesocarpio, poseen una capacidad antioxidante similar a los subproductos

  11. Determinação de massa fresca, massa seca, água e cinzas totais de folhas de Cissus verticillata (L. Nicolson & C. E. Jarvis subsp. verticillata e avaliação do processo de secagem em estufa com ventilação forçada

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    T. V. BRAGA

    2009-01-01

    Full Text Available

    Cissus verticillata (L. Nicolson & C. E. Jarvis subsp. verticillata (Vitaceae é conhecida popularmente como insulina vegetal, cortina japonesa, uva-brava, anil trepador e cipó-pucá e utilizada na medicina popular na forma de chá das folhas no tratamento da diabetes, como antiinflamatório, antiepilético, antihipertensivo, antitérmico, antireumático, antigripal e contra infecções respiratórias. O objetivo deste estudo foi avaliar os teores de massa fresca, massa seca, percentual de água e percentual de cinzas totais, visando melhoria das condições de secagem, armazenamento, dispensação e uso pela população. As folhas da espécie foram coletadas no bairro Antônio Dias, Ouro Preto, Minas Gerais, Brasil. Foram selecionadas, lavadas e secas em estufa com ventilação forçada à 45ºC e determinou-se as cinzas totais e perda por dessecação (através do método gravimétrico, ambos de acordo com a Farmacopéia Brasileira. Os resultados mostraram que as folhas de C. verticillata subsp. verticillata possuem alto teor de água. O processo de secagem em estufa de ventilação forçada, a temperatura de 45ºC, foi eficaz, proporcionando folhas com 11,47% de umidade e 17,99% de cinzas totais. Palavras-chave: Cissus verticillata; insulina vegetal; qualidade; gravimetria.

  12. Oxidación de lípidos y antioxidantes

    OpenAIRE

    Rojano, Benjamín Alberto

    1997-01-01

    La reacción de oxidación de lípidos es uno de los procesos más importante en la química de los alimentos e implica una de las áreas de investigación de mayor estudio en los últimos años. El uso de los antioxidantes en la industria alimenticia representa grandes cantidades de dinero; sin embargo, en la mayoría casos se hace de una manera indiscriminada, sin conocer la química de dichos compuestos. El presente trabajo hace inicialmente una descripción del fenómeno de oxidación de lípidos, h...

  13. CARACTERÍSTICAS NUTRICIONALES Y ANTIOXIDANTES DE LA FRUTA CURUBA LARGA (Passiflora mollisima Bailey

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    DIANA CAROLINA CHAPARRO R

    Full Text Available La presente revisión muestra el valor nutricional y el impacto para la salud humana del consumo de la fruta curuba larga (Passiflora mollisima Bailey, con base a las características nutricionales y antioxidantes. Pertenece a la familia de las pasifloráceas, es originaria de la zona andina del continente americano y en Colombia se cultiva principalmente en las cordilleras oriental y occidental. Esta fruta es fuente de vitaminas A, C y riboflavina; contiene potasio, fósforo, magnesio, sodio, cloro, hierro; aporta cantidades moderadas de carbohidratos y calóricas. El contenido de fenoles, flavonoides y carotenoides confiere la capacidad de captar radicales libres causantes del estrés oxidativo, éste relacionado con el origen y desarrollo de enfermedades cardiovasculares, neurodegenerativas y el cáncer.

  14. Comportamento estomático e potencial da água da folha em três espécies lenhosas cultivadas sob estresse hídrico

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Silva Elizamar Ciríaco da

    2003-01-01

    Full Text Available Com o objetivo de avaliar o comportamento estomático e o potencial da água da folha em plantas jovens de Mimosa caesalpiniifolia, Enterolobium contortisiliquum e Tabebuia aurea submetidas a estresse hídrico, desenvolveu-se um experimento em casa de vegetação no Laboratório de Fisiologia Vegetal da UFRPE. As plântulas foram submetidas a dois tratamentos hídricos (100% da CP e 50% da CP e aos 5¹, 7, 13 e 22 dias de estresse hídrico, foram avaliadas a transpiração (E, a resistência difusiva (Rs, a temperatura da folha (Tfol, a temperatura do ar (Tar, umidade relativa do ar (UR, a radiação fotossinteticamente ativa (PAR e o déficit de pressão de vapor (DPV às 7h, 9h, 12h e 15h. Após 30 dias de estresse, foi medido o potencial da água da folha (Yw entre 9-10 horas. Os maiores valores de E foram registrados entre 9-12h para todas as espécies, sendo mais baixos nas plantas estressadas. O oposto foi verificado para Rs, com diferenças na magnitude dos valores entre espécies e horários de avaliação. A Rs das plantas estressadas de E. contortisiliquum foi influenciada pela Tar e de M. caesalpiniifolia pela UR e PAR. O Yw decresceu com o estresse, com reduções de até 155%. A Tfol não se mostrou bom indicador dos efeitos do estresse hídrico sobre as espécies.

  15. Compostos antioxidantes em frutos de acessos de caramboleira em diferentes ambientes de Pernambuco

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    José Severino de Lira Júnior

    2014-12-01

    Full Text Available A polpa da carambola contém compostos químicos com propriedades antioxidantes importantes à saúde humana, contra o envelhecimento celular e a prevenção de doenças. Este trabalho objetivou avaliar o fruto de acessos de caramboleira quanto às concentrações de compostos antioxidantes. Foram analisadas as concentrações de ácido ascórbico, carotenoides totais, flavonoides, fenólicos totais e taninos em cinco acessos selecionados de carambola, cultivada em três distintas regiões edafoclimáticas de Pernambuco. Os acessos de carambola diferiram significativamente entre si, quanto às concentrações de ácido ascórbico, fenólicos totais e taninos. A significância para os efeitos de ambiente confirmou que os locais de cultivo são heterogêneos, em relação ao potencial produtivo de frutos com diferentes concentrações médias de ácido ascórbico, flavonóis, fenólicos totais e taninos. A interação significativa entre genótipos e ambientes indica que os acessos de carambola apresentam respostas diferenciadas às concentrações de ácido ascórbico, flavonóis, fenólicos totais e taninos, quando cultivadas em diferentes locais. As condições de cultivo da Estação Experimental do IPA Itambé e os acessos IPA-7.2, IPA-22.3 proporcionaram as maiores concentrações de ácido ascórbico, fenólicos totais e taninos.

  16. Capacidade antioxidante e qualidade pós-colheita de abacate 'Fuerte'

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rogério Lopes Vieites

    2012-06-01

    Full Text Available A capacidade antioxidante e a qualidade pós-colheita do abacate 'Fuerte' foram avaliadas. Os frutos foram mantidos sob temperatura ambiente (24 ± 1 ºC e sob refrigeração em 10 ± 1 ºC e 90±5% UR e avaliados durante 15 dias. Determinaram-se a perda de massa e a taxa respiratória. As características físico-químicas avaliadas foram acidez total titulável (AT, sólidos solúveis (SS, ratio, pH, firmeza, atividade da enzima polifenoloxidase (PPO, cor (L, a* e b*, fenólicos totais e atividade antioxidante (AA por DPPH·. Nas duas condições de armazenamento, o pico respiratório ocorreu no 9º dia.Os frutos mantidos sob temperatura refrigerada apresentaram menor perda de massa e maior firmeza em relação àqueles em temperatura ambiente. O comportamento respiratório refletiu na redução dos valores de AT e no conteúdo de SS que diminuíram a partir do pico de respiração. Os valores de pH aumentaram como consequência da diminuição da AT. Os valores de luminosidade mantiveram-se elevados, observando-se diminuição do componente de cor verde na polpa com o armazenamento. A atividade da PPO diminuiu com o armazenamento. Os valores de AA variaram de 17,6 a 68,7%. O conteúdo de fenólicos totais diminuiu após o pico respiratório, e valores crescentes de AA foram observados mesmo após o 9º dia.

  17. Atividades antiúlcera e antioxidante Baccharis trimera (Less DC (Asteraceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Larissa Funabashi de Toledo Dias

    Full Text Available A "carqueja", Baccharis trimera (Less DC (Asteraceae, é uma espécie vegetal característica de regiões tropicais, muito utilizada na medicina popular como antiinflamatória, hipoglicemiante e em tratamento de problemas digestivos. A avaliação da atividade antiúlcera do extrato bruto liofilizado e do extrato liofilizado da "resina" (porção que durante a concentração dos extratos ficava depositada no fundo do recipiente com aspecto viscoso e pegajoso foi realizada através de indução aguda por etanol acidificado. O extrato bruto liofilizado, na dose de 400 mg/ kg, reduziu a área de lesão em 90%, 200 mg/kg, 87%, 100 mg/kg, 66% e o fármaco controle (lansoprazol, 66%. O extrato liofilizado da "resina", administrado na dose de 400 mg/kg, reduziu a área de lesão em 82%, 200 mg/kg, 82%, 100 mg/kg, 53% e o fármaco controle (lansoprazol, 70%. A atividade antioxidante foi ensaiada com extrato bruto liofilizado, extrato liofilizado da "resina", pó da droga e frações clorofórmica, acetato de etila, etanol e etanol 50% através do método que reduz o radical 2,2'-difenil-1-picril-hidrazil (DPPH, permitindo após o equilíbrio da reação, calcular a quantidade de antioxidante gasta para reduzir 50% do DPPH, apresentando resultado evidente, comparado à vitamina E. Não foram verificados sinais de alteração aparente no ensaio de toxicidade na dose única de 5g/kg, em camundongos.

  18. Linhaça marrom e dourada: propriedades químicas e funcionais das sementes e dos óleos prensados a frio

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ana Karina Mauro Barroso

    2014-01-01

    Full Text Available O objetivo do estudo foi comparar a composição química e a capacidade antioxidante das sementes e dos óleos de linhaça marrom e dourada, e avaliar a estabilidade oxidativa dos óleos. Nas sementes, foram determinados: composição centesimal, capacidade antioxidante total e compostos fenólicos totais. Nos óleos, foram determinados: índice de acidez e peróxido, matéria insaponificável, composição em ácidos graxos, tocoferóis, capacidade antioxidante, compostos fenólicos totais e estabilidade oxidativa em quatro condições de estocagem por até um ano. Não houve diferenças significativas entre os tipos de sementes quanto às variáveis investigadas, e ainda entre os óleos quanto ao rendimento da prensagem, composição em ácidos graxos insaturados, índice de acidez, teores de insaponificáveis e compostos fenólicos totais. Apesar do declínio da estabilidade oxidativa de ambos os óleos durante o armazenamento, o óleo de linhaça marrom e os óleos estocados sob refrigeração apresentaram-se mais estáveis. O índice de peróxido foi maior no óleo de linhaça dourada. O teor de tocoferol total e capacidade antioxidante total foram maiores no óleo de linhaça marrom. Contudo, observou-se uma igualdade entre as sementes de ambas as variedades de linhaça e uma superioridade do óleo de linhaça marrom.

  19. Estudio de la suplementación de la dieta materna con cerveza sin alcohol, su efecto sobre el metabolismo oxidativo materno infantil y sobre las propiedades antioxidantes de la leche humana

    OpenAIRE

    Hernández Aguilar, Maria Teresa

    2015-01-01

    INTRODUCCION: Tras el nacimiento, el ser humano necesita el aporte de antioxidantes que le ayuden a hacer frente al daño oxidativo. La leche humana es la fuente esencial de antioxidantes para el recién nacido pero su composición varía con el estado nutricional y la dieta maternos. Se ha observado que el contenido en antioxidantes y la capacidad antioxidante total de la leche humana, son mayores en el calostro y menores en la leche segregada por la madre en los días y meses posteriores. Es p...

  20. Influência do processamento da folha e tipo de secagem no teor e composição química do óleo essencial de manjericão cv. Maria Bonita Influence of leaf processing and type of drying on the content and chemical composition of the essential oil of basil cv. Maria Bonita

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luciana Domiciano Silva Rosado

    2011-04-01

    Full Text Available O manjericão é uma planta medicinal aromática pertencente à família Lamiaceae, rica em óleos essenciais e com grande interesse industrial. Objetivou-se, no presente trabalho, estudar a influência do processamento da folha (inteira e pulverizada submetida a dois tipos secagem (estufa de ventilação forçada a 38º C e sala com desumidificador, sobre o teor e composição química do óleo essencial. O delineamento utilizado foi o inteiramente casualizado (DIC, com 4 tratamentos e 6 repetições. O óleo essencial foi extraído por hidrodestilação das folhas e analisado por CG e CG/EM. O tipo de secagem e o processamento da folha do O. basilicum influenciaram no teor e composição química do óleo essencial. Maior porcentagem da área de pico do componente químico linalol foi obtida quando se realizou o processo de secagem das folhas. A secagem em estufa conservou o aroma e a coloração verde das folhas, preservando as características originais da cultivar.Ocimum basilicum L. cv. Maria Bonita is a medicinal aromatic plant of the Lamiaceae family, it is rich in essential oils with high industrial interest. The present work aimed to study the influence of leaf processing (whole and ground leaf in two drying types (oven-drying at 38º C and room temperature using moisture dryer on the content and chemical composition of the essential oil. A completely randomized design was used with 4 treatments and 6 replicates. The essential oil obtained by hydrodestillation of the leaves was analyzed by GC and GC/MS. The results show that the drying type and the processing of the leaf influence the content and chemical composition of the essential oil. High amounts of linalol were obtained when the leaves underwent dry processing. The oven-dried conserved the aroma and the green color of the leaves, preserving the original characteristics of the cultivar.

  1. Compostos bioativos e atividade antioxidante do café (Coffea arabica L. Coffee (Coffea arabica L. bioactive compounds and antioxidant activity

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Sheila Andrade Abrahão

    2010-04-01

    Full Text Available Conduziu-se este trabalho, com a proposta de avaliar o potencial antioxidante de dois padrões da bebida do café (rio e mole, verdes e torrados, utilizando modelos in vitro. Foram determinados o teor de fenólicos totais, ácido clorogênico (ácido 5-cafeoilquínico e cafeína das bebidas. A avaliação in vitro do potencial antioxidante foi investigada pelos métodos de captação do radical DPPH e pelo poder redutor de metais. Os dois padrões de bebida do café analisados não apresentaram diferenças quanto aos parâmetros cor, ácido clorogênico e cafeína. Observou-se que houve redução nos valores de ácido clorogênico à medida que os grãos foram torrados. O café verde bebida rio apresentou maior teor de fenólicos totais que o café bebida mole. Nos grãos torrados não foi observada diferença. A bebida do café independente da qualidade sensorial apresentou alto poder redutor e importante atividade sequestrante de radicais livres. A atividade sequestrante de radicais livres foi significativamente superior nas amostras obtidas a partir dos grãos torrados, quando comparados aos extratos dos grãos verdes. A torração, porém, reduziu o poder redutor das bebidas do café. Os dados obtidos permitem sugerir que, independente da classificação sensorial da bebida, o café apresenta expressiva capacidade sequestrante de radicais livres e poder redutor de metais.The present work intended to evaluate the antioxidant potential of two coffee sorts (soft and river, green and roasted, in vitro. Phenolic compounds content, chlorogenic acid (5-cafeoyolquinic and caffeine of the beverages were evaluated. In vitro evaluation of the antioxidant potential was investigated by DPPH radical scavenging assay and by reducing the power of metals. Both sorts of coffee did not present statistical differences for color, chlorogenic acid and caffeine. After roasting, 5-cafeoyolquinic acid levels decreased. River coffee beverage presented greater content

  2. Alterações anatômicas em folhas e raízes de Jatropha curcas L. cultivadas sob estresse salino Anatomical changes in the leaves and roots of Jatropha curcas L. cultivated under saline stress

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Gemima Manço de Melo

    2011-09-01

    Full Text Available A espécie Jatropha curcas L. está entre as mais destacadas fontes de grãos oleaginosos, com baixa exigência hídrica e nutricional, sendo promissora para regiões áridas e semiáridas, em geral sujeitas à salinização do solo. Objetivou-se neste trabalho avaliar o efeito de diferentes concentrações salinas, sobre a anatomia de folhas e raízes de Jatropha curcas. Cinqüenta sementes foram semeadas em bandejas, e as plântulas transferidas para potes com capacidade para 5 litros, o ensaio foi conduzido em casa de vegetação. Após 21 dias da germinação, as plantas foram submetidas aos seguintes tratamentos salinos: 25; 50; 75; 100; 150 e 200 mM de NaCl, além do controle (0 mM de NaCl, em delineamento inteiramente casualizado, com cinco repetições por tratamento. Ao final do 32º dia de tratamento, a terceira folha e raízes, medindo aproximadamente 5 cm de comprimento, foram coletadas e fixadas em FAA 50. Seções transversais da porção mediana da nervura central da folha e da região mediana da raiz foram cortadas e coradas com safrablau. Foram observadas na folha redução no número de células do xilema e floema e alterações em sua distribuição, em função do aumento das concentrações de sal na solução. Nas raízes observou-se que, quanto mais alta a concentração salina, maior a lignificação das células xilemáticas e endodérmicas, e maior a redução no diâmetro e no número de elementos de vaso. Portanto, ocorrem alterações anatômicas em folhas e raízes das plantas quando cultivadas sob altas concentrações salinas.The species Jatropha curcas L. is among the most prominent sources of oilseeds, with low water requirement and nutrition, and promising to arid and semiarid regions, usually subject to soil salinization. The objective of this study was to evaluate the effect of different salt concentrations on the anatomy of leaves and roots of Jatropha curcas. Fifty seeds were sown in trays and the seedlings

  3. Efeitos da farinha de folhas de mandioca sobre a peroxidação lipídica, o perfil lipídico sangüíneo e o peso do fígado de ratos Effects of cassava leaf flour on lipidic peroxidation, blood lipidic profile and liver weight of rats

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Daniela Séfora de Melo

    2007-04-01

    Full Text Available Sabe-se que polifenóis e saponinas apresentam efeitos antioxidante e hipolipidêmico, respectivamente. Como folhas de mandioca contêm estas substâncias, foi investigado o efeito de dietas contendo a farinha de folhas de mandioca (FFM sobre a peroxidação lipídica, o perfil lipídico sangüíneo e o peso do fígado de ratos. Para isto, folhas maduras de mandioca (Manihot esculenta Crantz cv. Cacao foram secas em estufa ventilada a 30-35 ºC e trituradas sem os pecíolos. Um ensaio biológico, com 32 ratos machos Wistar, foi conduzido por um período de 7 semanas com quatro tratamentos: dieta controle e dietas contendo 5%, 10% e 15% de FFM, sendo todas suplementadas com 1% de colesterol. As dietas se apresentaram isoenergéticas e contendo os mesmos níveis de proteína digestível e fibras. Foi observado que dietas contendo FFM não apresentaram efeitos significativos sobre o perfil lipídico sangüíneo e sobre as variáveis de desempenho, mas contribuiram para o aumento no peso do fígado. Já as dietas contendo 10% e 15% de FFM foram associadas à redução nos teores plasmáticos de substâncias reativas ao ácido tiobarbitúrico.It is well known that polyphenols and saponins present antioxidant and hypolipidemic effects, respectively. As cassava leaves contains these substances, the effects of diets supplemented with cassava leaf flour (CLF on lipidic peroxidation, blood lipid profile and liver weight of rats were investigated. Therefore, ripe cassava leaves (Manihot esculenta Crantz cv. Cacao were dried in a ventilated oven at 30-35 ºC and ground without the petioles. A biological assay was conducted during 7 weeks with 32 Wistar male rats submitted to four treatments: control diet and diets containing 5%, 10% and 15% CLF, all supplemented with 1% cholesterol. Diets were isoenergetic and contained the same levels of digestible protein, and fibers. It was observed that diets containing CLF presented no significant effect on blood

  4. Intoxicação espontânea e experimental por folhas e frutos de Erythroxylum deciduum (cocão em ovinos no Estado de Santa Catarina

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    V. Borelli

    2011-03-01

    Full Text Available Descreve-se uma enfermidade em ovinos de ocorrência sazonal, caracterizada por manifestações nervosas e morte rápida, nos municípios de Rancho Queimado e Ponte Alta do Sul, no estado de Santa Catarina. A doença foi reproduzida experimentalmente em ovinos com a administração de folhas de Erythroxylum deciduum coletados durante o verão, com doses letais a partir de 10g/kg de peso vivo. Em um único experimento com os frutos a dose de 15g/kg foi letal. O início da manifestação dos sinais clínicos, ocorreu entre 0 e 2 horas após a administração das folhas ou dos frutos e a evolução da doença foi de 10 minutos a 18 horas. Doses de até 20g/kg de folhas coletadas no período de inverno, produziram alterações clínicas discretas em dois ovinos. Os sinais clínicos foram depressão, sonolência e, quando os animais eram movimentados, incoordenação motora, desequilíbrio, quedas, dificuldade para se levantar e estação com os membros abertos. Também foi observado: salivação intensa, regurgitação, bruxismo, aumento das frequências cardíaca e respiratória. Os sinais clínicos se agravavam quando os animais eram movimentados e geralmente resultavam em morte. Os animais que morreram pelas intoxicações espontânea e experimental, não tinham alterações macroscópicas e microscópicas significativas. O corte das árvores de E. deciduum faz com que o tronco rebrote, favorecendo a ingestão da planta pelos ovinos. Este fato e a disponibilidade de frutos maduros que caem ao chão podem ser responsabilizados pela doença de ovinos com sinais nervosos e ausência de lesões macroscópicas e microscópicas, que ocorrem nos meses de verão, no Estado de Santa Catarina.

  5. Crescimento foliar e atividades das enzimas antioxidativas em plântulas de girassol suplementadas com percolado de aterro sanitário e submetidas a estresse hídrico

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Francisco Holanda Nunes Junior

    2017-01-01

    Full Text Available Em regiões áridas ou semiáridas, a escassez hídrica tem sido um dos principais fatores limitantes da produção agrícola. Diante disso, o presente trabalho objetivou analisar os efeitos da aplicação de percolado de aterro sanitário no crescimento foliar (número de folhas e área foliar e as atividades das enzimas antioxidativas: superóxido dismutase (SOD, catalase (CAT, peroxidase do ascorbato (APX e peroxidase do guaiacol (GPX em folhas e raízes de plântulas de girassol submetidas às condições de estresse hídrico. O delineamento experimental foi o inteiramente casualizado, disposto em arranjo fatorial dois (irrigadas ou não irrigadas x quatro (areia; areia + adubo orgânico 100 kg N ha-1; areia + percolado de aterro sanitário 100 kg N ha-1; areia + percolado de aterro sanitário 150 kg N ha-1, com cinco repetições. Em relação aos parâmetros foliares, o tratamento 100 kg N ha-1 suplementado com percolado de aterro sanitário obteve os melhores incrementos no número de folhas e área foliar. Além disso, verificaram-se aumentos nas atividades das enzimas antioxidativas em folhas e raízes de plântulas de girassol suplementadas com percolado de aterro sanitário, sendo provável que as reduções dos efeitos deletérios do estresse hídrico nas variáveis foliares dos tratamentos suplementados com percolado de aterro sanitário tenham ocorrido em virtude das maiores atividades das enzimas antioxidativas, especialmente as da CAT nas folhas e GPX nas raízes.

  6. Caracterização anatômica, histoquímica e de classes de metabólitos secundários de folhas de Guzmania lingulata (L. Mez.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    E.M. Belotto

    2014-03-01

    Full Text Available Na medicina natural pouco se sabe sobre a importância curativa da maior parte das espécies pertencentes à Bromeliaceae. Tal fato evidencia a necessidade da realização de investigações para a comprovação de possíveis potenciais fitoterápicos em espécies dessa família. Guzmania lingulata é caracterizada como sendo uma das espécies de bromélia mais comercializada e conhecida popularmente, a qual é amplamente propagada no Brasil. O presente trabalho objetivou a caracterização anatômica e a identificação de classes de metabólitos secundários presentes em G. lingulata, por meio de análises anatômicas, histoquímicas e químicas. As folhas foram fixadas em FAA 50 e transferidas para etanol 50%. Para o estudo anatômico, secções transversais da porção mediana das lâminas foliares foram obtidas à mão livre e submetidas ao processo de dupla coloração com safranina e azul de astra, sendo, logo após, montadas em gelatina glicerinada. Para a triagem das classes de metabólitos secundários foram coletadas 10 folhas frescas que passaram pelo processo de maceração em solução hidroalcoólica 70% por sete dias, à temperatura ambiente. O filtrado resultante da filtração a vácuo foi evaporado sob vácuo a temperatura de 50ºC até a remoção total do etanol, sendo obtido desta forma o extrato bruto hidroalcoólico a frio (EBHF. Os resultados das secções histológicas permitiram a caracterização anatômico-foliar baseada na qualidade das secções manuais obtidas. Os testes em relação às classes de metabólitos secundários revelaram a presença de antocianinas e taninos e ausência de flavonóides e saponinas. Esses resultados estimulam a realização de estudos mais aprofundados para identificar e quantificar os compostos dessas e de outras classes de metabólitos.

  7. B P Das

    Indian Academy of Sciences (India)

    Home; Journals; Bulletin of Materials Science. B P Das. Articles written in Bulletin of Materials Science. Volume 25 Issue 6 November 2002 pp 517-519. Structural, dielectric and electrical properties of Sm-modified Pb(SnTi)O3 ferroelectric system · B P Das R N P Choudhary P K Mahapatra · More Details Abstract Fulltext ...

  8. A K Das

    Indian Academy of Sciences (India)

    Home; Journals; Bulletin of Materials Science. A K Das. Articles written in Bulletin of Materials Science. Volume 28 Issue 2 April 2005 pp 131-136 Fly Ash. Some studies on the reaction between fly ash and lime · A Basumajumdar A K Das N Bandyopadhyay S Maitra · More Details Abstract Fulltext PDF. The reaction between ...

  9. S K Das

    Indian Academy of Sciences (India)

    Home; Journals; Bulletin of Materials Science. S K Das. Articles written in Bulletin of Materials Science. Volume 24 Issue 4 August 2001 pp 373-378 Metals and Alloys. Evaluation of solid–liquid interface profile during continuous casting by a spline based formalism · S K Das · More Details Abstract Fulltext PDF. A numerical ...

  10. P Chaitanya Das

    Indian Academy of Sciences (India)

    P Chaitanya Das G Srinivasa Murthy C P Gopalakrishnan P C Deshmukh · More Details Fulltext PDF. Volume 9 Issue 7 July 2004 pp 77-85 Classroom. Motion of Charged Particles in Electromagnetic Fields and Special Theory of Relativity · P Chaitanya Das G Srinivasa Murthy P C Deshmukh K Satish Kumar T A Venkatesh.

  11. I M L Das

    Indian Academy of Sciences (India)

    Home; Journals; Bulletin of Materials Science. I M L Das. Articles written in Bulletin of Materials Science. Volume 33 Issue 4 August 2010 pp 383-390 Electrical Properties. Temperature dependence of electromechanical properties of PLZT /57/43 ceramics · A K Shukla V K Agrawal I M L Das Janardan Singh S L Srivastava.

  12. P K Das

    Indian Academy of Sciences (India)

    Home; Journals; Bulletin of Materials Science. P K Das. Articles written in Bulletin of Materials Science. Volume 23 Issue 4 August 2000 pp 249-253 Nitride Ceramics. Optimization of time–temperature schedule for nitridation of silicon compact on the basis of silicon and nitrogen reaction kinetics · J Rakshit P K Das.

  13. Comprovação do efeito antioxidante de plantas medicinais utilizadas no tratamento do Diabetes mellitus em animais: artigo de atualização Evidence of the antioxidant effect of medicinal plants used in the treatment of Diabetes mellitus in animals: an update

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    B. Dallaqua

    2011-01-01

    Full Text Available Diabetes mellitus (DM é uma síndrome de etiologia múltipla caracterizada por hiperglicemia crônica. Esta hiperglicemia induz o aumento na produção de espécies reativas de oxigênio (ERO e diminuição das defesas antioxidantes. Devido às complicações causadas pelo diabete, muitos indivíduos optam por terapias alternativas à base de plantas medicinais para amenizar seus efeitos. Sendo assim, nesta revisão de literatura, foram analisados e descritos diversos trabalhos experimentais com a utilização de animais diabéticos para comprovar os efeitos antioxidantes de algumas dessas plantas e verificar se os títulos e resumos disponibilizados nos artigos são compatíveis aos objetivos de nossa busca.Diabetes mellitus (DM is a syndrome of multiple etiology characterized by chronic hyperglycemia. This hyperglycemia induces increased production of reactive oxygen species (ROS and decreased antioxidant defenses. Due to complications caused by diabetes, a large number of people have chosen medicinal plant-based alternative therapies to alleviate its effects. Thus, in this literature review, several experimental studies with the use of diabetic animals were analyzed to demonstrate the antioxidant effects of these plants and to verify if the titles and abstracts provided in the papers are compatible with the aims of our search.

  14. Effect of the processing in the phenolic compounds content and antioxidant activity in apple wine/ Efeito do processamento no teor de compostos fenólicos e na atividade antioxidante em fermentados de maçã

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Alessandro Nogueira

    2008-08-01

    Full Text Available In the apple processing the phenolic compounds play a remarkable role in sensorial and functional aspects like color and flavor, and antioxidant activity, respectively. This work was done aiming to evaluate the effect of the different operations and the alcoholic fermentation in the phenol content and the antioxidant activity in apple wine processing. The phenol content of apple must without enzymatic oxidation was 1085±265; 958±94 and 787±64 mg.L-1 for the varieties Gala, Joaquina and Fuji, respectively. After the despectinization and filtration step, with total oxidation, the values had been reduced for 451±6.4; 408±4.2 and 255±9.5 mg.L-1. The losses were observed up to 9 hours of fermentation and after this period the values of phenols remain steady until the end of the process (360 hours. The antioxidant activity showed similar effect, with an initial content in apple must without enzymatic oxidation of 10807±1530; 8473±853 and 6449±1272 µM for Gala, Fuji and Joaquina, and after the despectinização and filtration with enzymatic oxidation, the values decreased to 4376±63; 1909±84 and 2889±55 µM. The main losses of phenolics compounds and antioxidant activity in the fermentation processing of apple must occurred during the reaction of enzymatic browning within the operations of depectinization and filtration.No processamento de maçã, os compostos fenólicos desempenham papel fundamental em aspectos sensoriais, como cor e sabor, e em aspectos funcionais em virtude da atividade antioxidante. O trabalho teve como objetivo avaliar o efeito das operações unitárias e da fermentação alcoólica no teor de fenóis e na atividade antioxidante de fermentados de maçã. Os teores de fenóis do mosto após a prensagem, sem oxidação enzimática, foram 1085±265; 958±94 e 787±64 mg.L-1 para as cultivares Gala, Joaquina e Fuji, respectivamente. Após a despectinização e filtração, com oxidação enzimática, os valores diminu

  15. Antioxidant, cytotoxic and UVB-absorbing activity of Maytenus guyanensis Klotzch. (Celastraceae bark extracts Atividade antioxidante, citotóxica e absorção no UVB de extratos da casca de Maytenus guyanensis Klotzch. (Celastraceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Patrícia de Almeida Telles Macari

    2006-12-01

    óidas, rim inchado, erupções de pele, prevenção do câncer de pele, entre outros. Vários solventes e métodos de extração foram aplicados a cascas secas pulverizadas, possibilitando a preparação de extratos que apresentam letalidade às larvas de Artemia franciscana Leach, bem como atividade antioxidante em testesin vitrobaseados em 2,2,-difenil-1-picrilhidrazil (DPPH. Análise das frações provenientes de extrações em série por solventes de polaridade crescente levou à conclusão que atividades antioxidante e citotóxica estão associadas a compostos de polaridade baixa e média. A variação do tempo e outras condições de extração revelou que extração continua a quente forneceu bons rendimentos de extrato de casca em poucas horas. Extração a quente também forneceu extratos etanólicos apresentando maior citotoxicidade para A. franciscanae atividade antioxidante (comparado ao flavonóide rutina em métodos semi-quantitativos baseados em DPPH quando comparado com extrato etanólico obtido da maceração a temperatura ambiente. Extratos etanólicos liofilizados foram preparados através de maceração e extração a quente (oito horas em escalas de centenas de gramas sendo que o extrato obtido a quente apresentou efeito protetor solar parcial na região da luz UVB. É o primeiro trabalho que demonstra a citotoxicidade, efeito antioxidante e potencial atividade de proteção solar de M. guyanensis.

  16. Atividades antioxidante e fungitóxica do óleo essencial de capim-limão e do citral Antioxidant and fungitoxic activities of the lemongrass essential oil and citral

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luiz Gustavo de Lima Guimarães

    2011-06-01

    Full Text Available Tendo em vista a importância dos óleos essenciais, objetivou-se, com este trabalho, avaliar a atividade antioxidante e os efeitos fungitóxicos do óleo essencial de capim-limão e do seu constituinte majoritário citral sobre a inibição micelial dos fitopatógenos Fusarium oxysporum cubense, Colletotrichum gloeosporioides, Bipolaris sp. e Alternaria alternata. A atividade antioxidante foi realizada, empregando os métodos de redução do radical livre DPPH e o ensaio de oxidação do sistema b-caroteno/ácido linoléico. Para cada metodologia, utilizou-se o delineamento inteiramente casualizado em esquema fatorial de 4 x 5, sendo quatro compostos (óleo essencial, citral, timol e α-tocoferol e cinco concentrações (5; 10; 25; 50 e 100 µg L-1, com três repetições Os ensaios para verificação das atividades fungitóxicas foram realizados aplicando o teste de fumigação in vitro sobre a inibição micelial dos fungos fitopatogênicos estudados. Os tratamentos foram dispostos de forma inteiramente casualizada, com três repetições e em esquema fatorial com arranjo variável entre os fitopatógenos. O óleo essencial e o citral apresentaram pequena atividade antioxidante perante a metodologia que avalia a redução do radical estável DPPH, no entanto, perante a metodologia que emprega o sistema emulsificado β-caroteno/ácido linoléico estes compostos apresentaram atividades antioxidantes significativas. Nas atividades fungitóxicas, o óleo essencial e o citral apresentaram uma maior atividade sobre o fitopatógeno Alternaria alternata. Em relação aos valores de IC50 os menores valores apresentados pelo óleo essencial (75,83 µg mL-1 e pelo citral (58,24 µg mL-1 foram sobre o Bipolaris sp. O citral causou as maiores inibições miceliais, para todos os fitopatógenos.Given the importance of essential oils, this study evaluated the antioxidant activity and fungitoxic effects of lemongrass essential oil and its main constituent

  17. Elaboração e validação de escala diagramática para avaliação da severidade de oídio em folhas de mamoeiro

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Pedro Henrique Dias dos Santos

    2011-12-01

    Full Text Available Com o objetivo de facilitar e padronizar as avaliações da severidade de oídio (Streptopodium caricae em folhas de mamoeiro elaborou-se e validou-se uma escala diagramática com os seguintes níveis de severidade: 0,6; 1,2; 2,5; 5,0; 10,0 e 20,0%. Sem a escala, todos os avaliadores superestimaram a severidade da doença. Com a escala, os avaliadores obtiveram melhores níveis de acurácia, com erros absolutos concentrando-se na faixa de 5%, sendo muitas vezes inferiores a esse valor e poucas vezes ultrapassando os 10%. Todos os avaliadores apresentaram boa repetibilidade e elevada reprodutibilidade das estimativas com a utilização da escala. A escala diagramática proposta mostrou-se adequada para avaliação da severidade de oídio em folhas de mamoeiro.

  18. DESARROLLO DE UNA BEBIDA LÁCTEA CON EXTRACTOS DE CURUBA (Passiflora mollissima Bailey COMO ANTIOXIDANTE NATURAL

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    NELLY YOLIMA SÁNCHEZ

    Full Text Available La curuba es una fruta tropical, nutritiva y con un alto potencial antioxidante pero poco reconocida. El presente estudio investigó el efecto de la adición de extractos de curuba en concentraciones de 0,4%, 0,6% y 0,8% p/p con relación a un blanco (0%, sobre la capacidad antioxidante y la estabilidad oxidativa de una bebida fermentada con lactosuero, durante el almacenamiento. Se determinaron las características fisicoquímicas de las bebidas, el contenido de fenoles totales, la capacidad antioxidante por los métodos DPPH (2,2-difenil-1-picrilhidracilo y ORAC (Capacidad de Absorción de Radicales de Oxígeno; se evaluó la oxidación lipídica por el método de TBARS (Sustancias Reactivas al Ácido Tiobarbitúrico y se determinaron los cambios organolépticos mediante una prueba sensorial triangular. Los resultados obtenidos en el tiempo, variaron en los rangos: 15,46 - 302,96 mg ác. gálico/L para fenoles totales; 183,23 - 1.376,46 µM Tx en DPPH; 704,88 - 4.910,32 µM Tx en ORAC-H; 258,50 - 1.730,80 µmol Tx/100g en ORAC-L; 2,39 - 31,08 nmol MDA/g en TBARS; en la prueba triangular 0,4% y 0,6% no presentaron diferencias significativas (p>0,05, a diferencia de 0,8% (p<0,05, mostrando que los extractos de curuba incrementaron la capacidad antioxidante e inhibieron el proceso oxidativo de la bebida láctea con relación al blanco.

  19. Análisis nutricional y estudio de la actividad antioxidante de algunas frutas tropicales cultivadas en Colombia

    OpenAIRE

    Moreno Gómez, Elizabeth

    2014-01-01

    El objetivo principal de este trabajo consistió en realizar el análisis nutricional que incluyo: porcentaje de humedad, cenizas, proteína, grasa, fibra dietaria total, minerales y carbohidratos, además se evaluó la actividad antioxidante de extractos de pulpa de gulupa (Passiflora edulis Sims.), curuba (Passiflora tripartida var. Mollissima), aguacate (Persea americana Mill.), uchuva (Physalis peruviana L.), tomate de árbol (Cyphomandra betacea Sendt.) y lulo (Solanum quitoense...

  20. Utilização de parâmetros morfoanatômicos na análise da fitotoxidez do flúor em folhas de Magnolia ovata (A. St.-Hil. Spreng. (Magnoliaceae Use of morphoanatomic parameters in the analysis of fluoride toxicity in leaves of Magnolia ovata (A. St.-Hil. Spreng. (Magnoliaceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Bruno Francisco Sant'Anna-Santos

    2007-08-01

    Full Text Available Com os objetivos de avaliar o grau de suscetibilidade e caracterizar as injúrias na morfoanatomia de folhas de Magnolia ovata, mudas foram submetidas à chuva simulada com flúor (10 µg.ml-1 de F- por 10 dias consecutivos. No tratamento controle, utilizou-se apenas água deionizada. Folhas foram coletadas para quantificação de flúor na matéria seca e fixadas para análises em microscopia de luz e eletrônica de varredura. As folhas apicais apresentaram pequena porcentagem de necroses intervenais e marginais em uma ou ambas as faces e maior acúmulo de flúor, em relação ao controle, quando comparadas com as folhas da porção basal. A análise micromorfológica das folhas aparentemente sadias indicou alterações nas paredes periclinais externas da epiderme e formação de concavidades, além de cristas estomáticas danificadas, erosão de ceras epicuticulares e presença de esporos e hifas de fungos. A caracterização estrutural das injúrias evidenciou retração de protoplasto das células epidérmicas, colapso das células do mesofilo e da epiderme e acúmulo de compostos fenólicos em células das regiões necrosadas. As alterações micromorfológicas das folhas ocorreram antes que sintomas fossem observados, o que comprova a importância da micromorfologia na diagnose precoce da injúria. As plantas de M. ovata apresentaram poucos sintomas visuais em resposta ao flúor, entretanto as alterações morfoanatômicas indicam que essa espécie possui potencial para ser utilizada como bioindicadora.This work aimed to evaluate the degree of susceptibility and characterize the injuries caused by fluoride in the morphoanatomy of Magnolia ovata. Seedlings were subjected to fluoride simulated rain (10 µg.ml-1 of F- during 10 consecutive days. In the control treatment, only deionized water was used. Leaves were collected for quantification of fluoride in the dry weight and fixed for light and scanning electron microscopy analyses. The

  1. Quantificação da área e do teor de clorofilas em folhas de plantas jovens de videira 'Cabernet Sauvignon' mediante métodos não destrutivos Non-destructive quantification of area and chlorophyll content in the leaves of young 'Cabernet Sauvignon' grapevines

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cassandro Vidal Talamini do Amarante

    2009-09-01

    Full Text Available Este trabalho foi conduzido visando a desenvolver métodos não destrutivos para estimar a área foliar e o conteúdo de clorofilas em folhas de plantas jovens de videira 'Cabernet Sauvignon'. Para a estimativa da área foliar, foram tomadas medidas de comprimento da nervura principal e das duas maiores nervuras secundárias em folhas representando uma grande amplitude de áreas foliares, seguindo-se da leitura em um integrador de área foliar. Para a quantificação de clorofilas, folhas com tonalidades variando de verde-amareladas (folha clorótica a verde-escuras foram avaliadas individualmente com um medidor de clorofila (Minolta SPAD-502 e um colorímetro (Minolta CR-400, no espaço de cores L, C e hº, nas faces abaxial (inferior e adaxial (superior, seguido de quantificações destrutivas de clorofilas a, b e totais. A quantificação do comprimento da nervura principal proporcionou boa estimativa da área foliar, sendo que a soma do comprimento das duas nervuras secundárias, bem como do somatório destes comprimentos com o comprimento da nervura principal, resultou em aumento muito pequeno na capacidade de estimativa da área foliar. Os valores das leituras do medidor de clorofila e da relação hº/(LxC do colorímetro, avaliados em ambas as faces das folhas, aumentaram com o incremento nos teores de clorofilas. Os modelos ajustados entre os teores de clorofilas e as leituras do medidor de clorofila e da relação hº/(LxC do colorímetro apresentaram valores de R² similares. Todavia, a medição da relação hº/(LxC do colorímetro, feita na face adaxial da folha, mostrou melhor estimativa do teor de clorofila, expresso em unidade de área (µg.cm-2 de folha.This work was carried out to develop non destructive methods to estimate the area and chlorophylls content in the leaves of young grapevines 'Cabernet Sauvignon'. For leaf area estimation, the lengths of main and two secondary leaf veins were measured, in leaves ranging from

  2. EVALUACIÓN DE LA ACTIVIDAD ANTIOXIDANTE DE ACEITES ESENCIALES EN EMULSIONES DEGRADADAS POR RADIACIÓN ULTRAVIOLETA

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Geovanna Tafur

    2008-03-01

    Full Text Available En este trabajo se evaluaron las actividades antioxidantes in vitro de los aceites esenciales de Origanum vulgare L., Rosmarinusofficinalis L. y Coriandrum sativum L., en emulsiones de agua en aceite (Ag/Ac y aceite en agua (Ac/Ag, sometidas al deterioro oxidativo por medio de la radiación ultravioleta A-visible (UVAVIS.En la emulsión de Ag/Ac (margarina, el aceite esencial de orégano presentó actividad antioxidante superior a la del cilantro y el romero, e incluso a la de la vitamina E, en concentraciones de 1, 10 y 20 g/kg. Se estableció además, que la acción antioxidante in vitro de los aceitesesenciales de orégano y cilantro aumentaba con su concentración en la margarina.Por último, el aceite esencial de orégano presentó una acción protectora más baja en la emulsión de Ac/Ag.

  3. Constituintes químicos e atividade antiespermatogênica em folhas de Austroplenckia populnea (Celastraceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Sidney Augusto Vieira Filho

    Full Text Available Folhas de Austroplenckia populnea (mangabarana, marmelinho do campo foram submetidos a estudo fitoquímico. Do extrato hexânico foram isolados e identificados três triterpenos pentacíclicos e um sesquiterpeno agarofurânico inédito. Realizou-se testes de atividade antiespermatogência utilizando parte deste extrato. Os resultados mostraram uma redução significativa do número de espermatozóides no epidídimo.

  4. Propriedades antioxidantes em subproduto do pedúnculo de caju (Anacardium occidentale L.: efeito sobre a lipoperoxidação e o perfil de ácidos graxos poliinsaturados em ratos Antioxidant properties in cashew apple byproduct (Anacardium occidentale L.: effect on lipoperoxidation and on the polyunsaturated fatty acids profile in rats

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Priscila Regina Bolelli Broinizi

    2008-12-01

    Full Text Available O caju (Anacardium occidentale L. apresenta substâncias fenólicas, as quais são atribuídas propriedades antioxidantes. Sendo assim, o presente trabalho objetivou verificar a capacidade antioxidante em subproduto, ou seja, no bagaço do pedúnculo do caju. O potencial antioxidante do extrato hidroalcoólico (EHAlc do bagaço do pedúnculo de caju foi avaliado em sistema de varredura do radical 2,2'-difenil-1-picrilhidrazilo (DPPH• e em ensaio in vivo. No sistema DPPH, o extrato demonstrou atividade antioxidante de cerca de 95% em sua maior concentração (1000 µg/mL. Para o estudo in vivo, foram utilizados ratos Wistar administrando oralmente EHAlc (200 e 400 mg/kg de peso corpóreo por 30 dias e analisados os tecidos plasmático, hepático e cerebral. Não houve alterações na peroxidação lipídica no plasma e no fígado dos animais tratados comparados ao grupo controle. Contudo, foi observada redução da lipoperoxidação no cérebro dos grupos tratados. Além do mais, neste tecido, os animais tratados apresentaram maior quantidade de ácidos graxos poliinsaturados (AGPI, destacando-se o ácido docosahexaenóico (DHA. Estes resultados indicam que o EHAlc contém antioxidantes naturais efetivos e que podem contribuir na redução da lipoperoxidação e preservação dos AGPICL no tecido cerebral de ratos, dando indícios da capacidade antioxidante do bagaço do pedúnculo de caju CCP-76.The cashew apple (Anacardium occidentale L. contains phenolic compounds usually related with antioxidant properties. Then, the aim of this study was to investigate its antioxidant capacity. The antioxidant capacity of the hydroalcoholic extract of the cashew apple pulp (EHAlc. was assessed for the scavenging of the 2,2-diphenyl-1-picrylhydrazyl radical (DPPH by in vitro method and by an in vivo essay. For this essay a 30-day oral (gavage, EHAlc. 200 and 400 mg/kg study was conducted in Wistar male rats, evaluating hepatic, plasma and brain tissues. In

  5. Influence of gamma radiation on the antioxidant action extracts from leaves of gross Anacardium occidentale Linn; Influencia da radiacao gama na acao antioxidante de extratos brutos de folhas de Anacardium occidentale Linn.

    Energy Technology Data Exchange (ETDEWEB)

    Santos, Gustavo Henrique Farias dos; Silva, Edvane Borges da; Amaral, Ademir de Jesus [Universidade Federal de Pernambuco (GERAR/DEN/UFPE), Recife, PE (Brazil). Dept. de Energia Nuclear. Grupo de Estudos em Radioprotecao e Radioecologia; Lima, Claudia Sampaio de Andrade [Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), Recife, PE (Brazil). Departamento de Biofisica e Radiobiologia

    2014-07-01

    Anacardium occidentale Linn. is popularly known as cashew plant, found in Northeastern Brazil, is of great scientific interest because it contains high levels of bioactive compounds, such as polyphenols, flavonoids and tannins, which characterize their applications as natural antioxidants, which can contribute to protect against oxidative processes in the human body. This study aimed to evaluate the effects of {sup 60}Co gamma irradiation in the antioxidant action of the extracts of leaves of A. occidentale. The extracts of A. occidentale were extracted with 70% ethanol, evaporated under reduced pressure and divided into samples control and irradiation at 10 kGy. Subsequently analyzing the kidnapping of radical DPPH (concentrations of 6.25; 12.5; 25; 50; 100 and 200 ppm) and reducing power (concentrations of 25; 50; 100; 200; 400; 600; 800 and 1000 ppm). The results showed increased antioxidant actions dependent on the concentration and dose of 10 kGy in both assays. However, the kidnapping of DPPH activity showed variations from 50% to 92% for control, and 75% and 100% for irradiated. It is observed that the irradiated samples showed maximum activity (100%) in a 4-fold lower concentration (50 ppm) than the control samples. Featuring EC{sub 50} of standards BHT (235.8%) and vitamin C (63.5%) was very low compared with control extracts (8.1%) and irradiated (0.48). However the results obtained in this study indicate that extracts of leaves of A. occidentale irradiated at a dose of 10 kGy exhibit strong antioxidant activity against DPPH and power reducer, this paves its use as a natural source of antioxidants.

  6. Caracterização anatômica, química e antibacteriana de folhas de Brunfelsia uniflora (manacá presentes na Mata Atlântica

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria Bernadete Gonçalves Martins

    Full Text Available Brunfelsia uniflora é uma espécie pertencente à família Solanaceae conhecida popularmente como manacá e empregada em medicina popular, suas folhas são empregadas contra artrite, reumatismo, sífilis, picadas de cobra, febre amarela, e ainda como diurética e antitérmica. Objetivou-se realizar um estudo anatômico foliar, através de microscopia de luz e de eletrônica de varredura, bem como análises químicas do extrato foliar através de cromatografia e testes microbiológicos com os extratos foliares para atividade antibacteriana frente a Escherichia coli e Staphylococcus aureus. O material biológico foi coletado em área de Mata Atlântica, nas proximidades da cidade de São Vicente - SP. O estudo da anatomia foliar de Brunfelsia uniflora, evidenciou parênquima paliçádico com duas camadas celulares e o parênquima lacunoso com seis camadas de células; foi observada grande quantidade de drusas no parênquima clorofiliano e predominância de esclerênquima na região da nervura central da folha. A epiderme abaxial apresentou grande quantidade de estômatos, sendo estes quase que ausentes na epiderme adaxial. Estudos através de microscopia eletrônica de varredura permitiram evidenciar uma camada de cera epicuticular ornamental bem característica na epiderme adaxial da folha, predominância de estômatos paracíticos, presença de tricomas capitados e muitos tricomas peltados na epiderme abaxial da folha. A análise química evidenciou alguns picos nos cromatogramas que correspondem a grupos de substâncias que não puderam ser analisadas de forma qualitativa, mas que se pode inferir a ocorrência de derivados de ácido cafeico. Os testes microbiológicos obtidos apresentaram resultados negativos no controle das espécies de bactérias testadas, nas concentrações utilizadas.

  7. Treinamento aeróbio de natação aumenta a atividade de enzimas antioxidantes e o conteúdo de glicogênio no musculoesquelético de ratos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Roberto Carlos Vieira Junior

    2013-06-01

    Full Text Available INTRODUÇÃO: São escassos os estudos os quais verificaram os efeitos do exercício físico sobre os biomarcadores de estresse oxidativo e sua relação com o glicogênio muscular. OBJETIVO: O presente estudo verificou o efeito do treinamento aeróbio de natação (TAN sobre os biomarcadores de estresse oxidativo, conteúdo de glicogênio e crescimento celular no músculo esquelético de ratos. MÉTODOS: Dezoito ratos Wistar macho (60 dias foram divididos em dois grupos: Grupo Sedentário (SG; n = 10: ratos sedentários; e Grupo Treinado (TG; n = 8: ratos submetidos ao TAN (5,0 % do peso corporal, 1h/dia, 5X/semana, durante oito semanas. A atividade das enzimas antioxidantes (AEA superóxido dismutase (SOD; U/ml, catalase (CAT; µmol/min/100 mg e glutationa peroxidase (GPx; nmol/min/100 mg, bem como a concentração das substâncias que reagem ao ácido tiobarbitúrico (TBARs; nmolMDA/mg proteína foram determinadas no músculo gastrocnêmio direito. Os conteúdos de glicogênio (mg/100 mg, proteína (g/100 g e DNA (g/100 g foram mensurados no músculo gastrocnêmio esquerdo. RESULTADOS: A AEA foi maior no TG (CAT: 0,87 ± 0,04; SOD: 6,49 ± 0,045; GPX: 6,49 ± 0,52 quando comparados com SG (CAT: 0,52 ± 0,03; SOD: 4,1 ± 0,37; GPx: 2,94 ± 0,56. Os níveis de TBARs foram menores em TG (TG: 2,35 ± 0,41; SG: 8,90 ± 0,47. O conteúdo de glicogênio muscular (SG: 0,108 ± 0,013; TG: 0,320 ± 0,012 e a razão proteína/DNA (SG: 24,94 ± 3,25; TG: 41,68 ± 4,02 foram maiores no TG. CONCLUSÃO: Em conjunto, estes dados confirmam que o TAN melhorou a defesa antioxidante, a qual pode estar associada ao aumento do conteúdo de glicogênio no músculo esquelético dos animais.

  8. NEWSPAPERS FOLHA DE SÃO PAULO E CORREIO BRAZILIENSE: WHAT THEY SAY ABOUT THE PROGRAM MORE DOCTORS?

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Indyara de Araujo Morais

    2014-12-01

    Full Text Available Analyzes publications related More Medical Program from July to September of 2013 and its impact on Correio Braziliense and Folha de São Paulo. This is a descriptive study using a qualitative-quantitative methodology. The analyzed and related data represent what the program takes in print. 363 publications were found, 262 in Folha de São Paulo and 101 in Correio. The word "Doctor" appeared in more titles, and Folha de São Paulo were 110 negative titles; to Correio neutral character was in 50 publications. In the character of news, 178 of these are pessimistic. The "neutral" and 101 representing "optimistic" 83. Was found that the media is critical to the impact of the program, but the truth is not apparent, but the opinion of journalists who wrote the stories related to the theme.

  9. Conservação e fisiologia pós-colheita de folhas de Capuchinha (Tropaeolum majus L. Conservation and postharvest physiology of leaves Capuchin (Tropaeolum majus L.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    W.S. Ribeiro

    2011-01-01

    Full Text Available Este trabalho teve como objetivo avaliar a vida útil pós-colheita de folhas de Capuchinha (Tropaeolum majus L. embaladas com filme PVC de baixa densidade e proteínas nas concentrações de 1, 3 e 5%. O experimento foi conduzido no Laboratório de Química e Bioquímica do Centro de Ciências Agrárias (CCA da Universidade Federal da Paraíba (UFPB Areia - PB. As folhas de Capuchinha colhidas no CCA foram levadas imediatamente ao Laboratório de Química e Bioquímica, para pré-seleção, desinfestação em água clorada contendo 100mg.L-1 de cloro ativo, e seca à temperatura ambiente. Após o controle fitossanitário, as folhas foram submetidas aos seguintes tratamentos: solução de proteína nas concentrações de 1, 3 e 5%, filme PVC de baixa densidade e a testemunha sem recobrimento. As folhas foram armazenadas durante cinco dias em temperatura média de 26 - 29ºC e umidade relativa média de 59,5 - 71,5% e outra parte foi armazenada em câmara fria com temperatura média de 12 ± 0,5 ºC e umidade relativa média de 95 ± 3%. Durante o período de armazenamento as folhas foram avaliadas quanto à perda de massa fresca, determinação de ácido ascórbico, sólidos solúveis e acidez titulável. O armazenamento durante quatro dias sob refrigeração a temperatura média de 12 ± 0,5ºC associada ao recobrimento com filme PVC mostrou melhores resultados na conservação da vida útil pós-colheita das folhas de Capuchinha.This study aimed to evaluate the shelf-life of Capuchin sheets (Tropaeolum majus L. packed with plastic wrap and low density proteins at concentrations of 1, 3 and 5%. The experiment was conducted at the Laboratório de Química e Bioquímica and the Centro de Ciências Agrárias (CCA of the Universidade Federal da Paraíba (UFPB Areia - PB. Capuchin leaves harvested in the CCA were taken immediately to the Laboratório de Química e Bioquímica, for pre-screening, disinfection in chlorinated water containing 100mg.L-1

  10. ACTIVIDAD ANTIOXIDANTE Y ENZIMÁTICA DE ALBAHACA ‘NUFAR’ (Ocimum basilicum L. ALMACENADA EN REFRIGERACIÓN

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Eduardo L\\u00F3pez-Blancas

    2014-01-01

    Full Text Available Actividad antioxidante y enzimática de albahaca “Nufar” ( Ocimum basilicum L. almacenada en refrigeración. El presente estudio tuvo como objetivo evaluar el efecto del almacenamiento en refrigeración sobre la actividad antioxidante y actividad enzimática en albahaca ‘Nufar’. En la Universidad Aut ónoma Chapingo (Texcoco, México, durante el ciclo primavera-verano de 2012, albahaca preciclo primavera-verano de 2012, albahaca previamente empacada en película plástica, se almacenó en cámaras frigoríficas a 5 y 10 °C , y a temperatura ambiente (20 °C - testigo, por dieciocho días. Cada 48 horas, se evaluó el contenido de fenoles totales, capacidad antioxidante y la actividad de las enzimas catalasa, superóxido dismutasa, peroxidasa y polifenol oxidasa. En relación con el tiempo en refrigeración a 5 °C a los dos y cuatro días se presentó la mayor actividad de catalasa (14,3 U/mg/pro y superóxido dismutasa (2,9 U/mg/pro, y a los diez y dieciocho días hubo aumento de la actividad de peroxidasa (57,6 y 74,9 U/ mg/pro. A 10 °C y diez días se incrementó el contenido de fenoles totales de 3,7 a 4,2 mg/kg/PFr; así como la capacidad antioxidante de 47,5 a 79,1 mg VCEAC/g/PFr a ocho días; también aumentó la actividad de la polifenol oxidasa de 11,7 a 31,8 U/mg/pro a diez días. El almacenamiento a 5 °C afectó el contenido de fenoles totales y capacidad antioxidante, así como la actividad enzimática de peroxidasa y polifenol oxidasa, e incrementó la actividad de catalasa y superóxido dismutasa, por lo cual, se sugiere el almacenamiento de albahaca “nufar” a 10 °C para disminuir la actividad de las enzimas oxidativas.

  11. Antioxidantes da dieta como inibidores da nefrotoxicidade induzida pelo antitumoral cisplatina Dietary antioxidants as inhibitors of cisplatin-induced nephrotoxicity

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Lusânia Maria Greggi Antunes

    2004-03-01

    Full Text Available A cisplatina é uma droga antineoplásica altamente efetiva contra vários tipos de cânceres humanos, tais como tumores do testículo e ovário, câncer da cabeça e pescoço e câncer do pulmão. Entretanto, a nefrotoxicidade é um dos principais efeitos colaterais da terapia com a cisplatina. A gravidade da nefrotoxicidade induzida pela cisplatina está relacionada com a concentração de platina nos rins. As evidências mostram que a nefrotoxicidade induzida pela cisplatina é atribuída ao dano oxidativo resultante da geração de radicais livres, e que a administração de antioxidantes é eficiente na inibição destes efeitos colaterais. Uma abordagem alternativa para proteger os roedores dos efeitos colaterais da cisplatina é o uso de conhecidos antioxidantes da dieta. Alguns estudos têm sido realizados para diminuir a peroxidação lipídica e os efeitos citotóxicos induzidos pela cisplatina, com o emprego de antioxidantes da dieta, tais como, selenito de sódio, vitaminas C e E, curcumina e o carotenóide bixina. Nós sugerimos que aqueles antioxidantes da dieta têm efeito nefroprotetor, e que os mecanismos antioxidantes destes compostos deveriam ser explorados durante a quimioterapia com a cisplatina.Cisplatin is a highly effective antineoplastic drug used against several types of human cancers, such as testicular and ovarian tumors; head and neck; and lung cancer. However, nephrotoxicity is one of the most important side-effects of cisplatin therapy. The severity of cisplatin nephrotoxicity is related to platinum concentration in the kidneys. There is a growing amount of evidence that cisplatin-induced nephrotoxicity is ascribed to oxidative damage resulting from free radical generation and that the administration of antioxidants is efficient in inhibiting these side effects. An alternative approach aiming to protect rodents against cisplatin side-effects is the introduction of known dietary antioxidants. Some studies have been

  12. Actividad antioxidante de compuestos aislados del residuo no-volátil del aceite esencial de naranja.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Vargas-Arispuro, L.

    1998-04-01

    Full Text Available There has been a growing interest in the food industry and in preventive medicine to search for «natural antioxidants». Therefore the objetive of this study was to evaluate the antioxidant activity of the non-volatile residue of essential orange oil in the oxidation of unrefined and freshly extracted olive oil. Essential orange oil was distilled to obtain a non-volatile residue and fracctionated on a Silica Gel 60 column. The antioxidant activity was determined by measuring peroxide value obtained after heating olive oil at 70 °C for 48 h. Six compounds were isolated and purified, four of these had antioxidant activity, α-tocopherol and three methoxylated flavones were identified using spectroscopic methods. This study confirmed that non-volatile fractions of essential orange oil contain natural antioxidants diferent from α-tocopherol.

    Existe un creciente interés en la industria alimentaria y en la medicina preventiva por la búsqueda de «antioxidantes naturales», por lo que nos planteamos evaluar la actividad antioxidante del residuo no volátil del aceite esencial de naranja contra la oxidación del aceite de oliva sin retinar y de reciente extracción. Mediante destilación del aceite esencial de naranja se obtuvo el residuo no-volátil, el cual se fraccionó en columna de silica gel 60. La actividad antioxidante fue medida por el valor de peróxidos producidos por el aceite de oliva al provocar la oxidación por calentamiento a 70 °C durante 48 h. Se aislaron seis compuestos mediante HPLC preparativo de los cuales cuatro tuvieron actividad antioxidante. Usando métodos espectroscópicos se identificaron α-tocoferol y tres flavonas metoxiladas. Con este estudio se confirmó que la fracción no volátil del aceite esencial de naranja contiene antioxidantes naturales diferentes al α-tocoferol.

  13. Efecto antioxidante y contenido polifenólico de Syringodium filiforme (Cymodoceaceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Kethia L González García

    2011-03-01

    hasta humedad inferior al 12% y se realizaron tres extracciones con solventes de polaridad creciente previamente al tamizaje fitoquímico y a las determinaciones analíticas. A partir del extracto total y en las fracciones se detectó la presencia de grupos químicos, fundamentalmente estructuras típicas de los flavonoides, por las absorbancias obtenidas en los espectros ultravioleta-visible. En el tamizaje fitoquímico se corroboró la existencia de altas concentraciones de flavonoides, triterpenos, polifenoles, antocianinas, azúcares reductores y alcaloides en los diferentes extractos obtenidos. El contenido de polifenoles totales de S. filiforme, se cuantificó mediante el uso de pirogalol como patrón de referencia; así como el contenido de clorofilas a y b, y el nivel de antocianinas. La actividad antioxidante se determinó por el método reducción del 1,1-difenil-2-picrilhidrazilo (DPPH. El extracto total y la fracción metanólica mostraron elevada actividad antioxidante en correspondencia con la concentración de polifenoles, mientras que la fracción de éter de petróleo mostró actividad moderada y la fracción clorofórmica y el precipitado remanente no muestran actividad antioxidante significativa. Estos resultados predicen las potencialidades de la especie para su uso con fines biológicos.

  14. O mal-estar no jornalismo: uma reflexão sobre as doenças mentais no discurso da Folha de S. Paulo a partir dos teóricos frankfurtianos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Denise Cristina Ayres Gomes

    2015-08-01

    Full Text Available O artigo analisa a representação dos transtornos psiquiátricos no jornal Folha de S. Paulo. O corpus é constituído por 29 matérias do ano de 2011. O estudo toma por base a teoria crítica e a psicanálise que fundamentam a concepção frankfurtiana do modelo psíquico do homem liberal. O artigo aborda os autores Erick Fromm (1984, Max Horkheimer (1976; 1985, Theodor Adorno (1992, enfoca os conceitos de sociedade unidimensional de Herbert Marcuse (1973, e patologia da modernidade de Jürgen Habermas (FREITAG, 1995. A análise revela a predominância das depressões, pânico e toxicomanias.

  15. Tributos sobre a folha ou sobre o faturamento? Efeitos quantitativos para o Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Tiago V Cavalcanti

    2008-09-01

    Full Text Available Este artigo estuda os impactos alocativos e de bem-estar de uma reforma tributária que substitui os impostos sobre a folha de salários por outro que incide sobre a receita. Para isso, desenvolve-se um modelo neoclássico de crescimento econômico com impostos sobre a receita e sobre a folha de salários. As simulações com parâmetros da economia brasileira mostram que tal reforma tributária tem um efeito negativo no bem-estar, no estoque de capital de longo prazo e consequentemente no produto per capita de longo prazo. Contudo, o emprego aumenta.This paper studies the impacts of a tax reform which substitutes taxes on labor income by taxes on total revenue. In order to accomplish that, we construct and solve a general equilibrium neoclassical growth model with taxes on labor income and total revenue. The numerical simulations with Brazilian parameters show that such tax reforms would negatively affect welfare, the capital stock, and consequently per capita output. However, employment would increase. Such effects are quantitatively important.

  16. Caracteres morfo-anatômicos de folha e caule de Bauhinia microstachya

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    M. do R. Duarte

    Full Text Available Bauhinia microstachya (Fabaceae é um arbusto escandente, de caule comprimido e flexuoso e folhas bilobadas, denominado popularmente de escada-de-macaco e empregado como analgésico na medicina tradicional. A morfo-anatomia foliar e caulinar dessa espécie foi analisada a fim de contribuir com informações farmacognósticas e taxonômicas. O material botânico foi fixado, seccionado e corado com azul de toluidina e com a dupla coloração fucsina básica / azul de astra, bem como submetido a testes histoquímicos. A folha apresenta epiderme uniestratificada, estômatos paracíticos e anomocíticos na face abaxial, tricomas tectores unicelulares, mesofilo dorsiventral e nervura central com feixe vascular colateral único, envolto por bainha esclerenquimática. O caule mostra estrutura atípica característica, devido ao crescimento irregular do câmbio vascular, que é mais ativo em dois lados opostos, determinando expansões laterais. A medula possui forma de cruz, e idioblastos contendo prismas e raras drusas de oxalato de cálcio são observados.

  17. Respuesta del sistema antioxidante en varones sanos, frente a hiperglicemia aguda inducida

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Raquel Oré

    2009-09-01

    Full Text Available Objetivo: determinar la respuesta del sistema antioxidante en varones sanos, frente a la hiperglicemia aguda inducida. Diseño: estudio prospectivo, descriptivo, longitudinal, experimental. Lugar: Instituto Nacional de Biología Andina, Facultad de Medicina, Universidad Nacional Mayor de San Marcos, Lima, Perú. Material biológico: Sangre y suero de sujetos aparentemente sanos. Intervenciones: A 13 sujetos adultos clínicamente sanos, entre 20 y 41años, después de 10 horas de ayuno, se administró glucosa vía endovenosa, mediante el método de clamp hiperglicémico, a 125 mg/dL por encima del valor basal, durante 120 minutos. Se realizó mediciones de la glicemia a 0, 5, 10, 15, 20, 30, 40, 50, 60, 70, 80, 90, 100, 110 y 120 minutos. Se tomó la muestra sanguínea con anticoagulante EDTA y otra de sangre total, para obtención de suero, para las pruebas bioquímicas a los 0, 60 y 120 minutos. Principales medidas de resultados: Modificaciones de la glicemia y lipoperoxidación en suero, glutatión y actividad superóxido dismutasa en glóbulos rojos lisados e índices de estrés oxidativo. Resultados: El nivel de glucosa durante el clamp hiperglicémico, luego de alcanzar el ‘equilibrio’, fue 197±17,58 mg/dL. La lipoperoxidación aumentó de 2,54 + 0,51 a 2,90 + 0,58 umol/L, de 0 a 60 minutos, y a 2,66 + 0,55 umol/L a los 120 minutos. El glutatión se redujo en 8,10% a la hora, aumentando 7,08% a los 120 minutos. La actividad superóxido dismutasa se elevó 0,54% a los 60 minutos y 5,66% a los 120 minutos, sobre el basal. Los índices de valoración del estrés oxidativo tuvieron correlación r Pearson positiva, en nivel alto a muy alto. Conclusiones: la hiperglicemia aguda inducida hasta 2 horas elevó el estrés oxidativo, promoviendo generación de defensa antioxidante, con síntesis de glutatión reducido de novo y mayor actividad de la superóxido dismutasa.

  18. Estudo fitoquímico de folhas de Solanum lycocarpum A. St.-Hil (Solanaceae e sua aplicação na alelopatia Phytochemistry of Solanum lycocarpum A.St.-Hil (Solanaceae leaves and their application in allelopathy

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Sarah Christina Caldas Oliveira

    2012-09-01

    Full Text Available Solanum lycocarpum A.St.-Hil (Solanaceae é um arbusto típico da região central do Brasil (Cerrado. A atividade alelopática do extrato aquoso de folhas e frutos dessa espécie já foi verificada em estudos anteriores. O objetivo desse trabalho foi avaliar a atividade alelopática de diferentes extratos de S. lycocarpum na germinação e crescimento de quatro espécies-alvo. As folhas foram coletadas, secas e trituradas e submetidas a dois métodos distintos de extração: 1- líquido-líquido (acetato de etila e diclorometano do extrato aquoso das folhas e 2- com solventes em polaridade crescente (hexano, diclorometano, acetato de etila, acetona, metanol e água diretamente das folhas. Cada extração foi realizada com equipamento de ultrassom durante uma hora, filtrado e evaporado. Desses extratos, soluções de 800, 400 e 200 ppm foram preparadas, e água e Logran® foram usados como controle positivo e negativo, respectivamente. Cada solução, bem como os controles, foi dissolvida em DMSO para os bioensaios. As espécies alvo usadas foram: alface, agrião, tomate e cebola. Cada placa era composta de 20 sementes e foi adicionado 1 mL de solução teste com 4 repetições. As placas foram incubadas a 25 ºC no escuro. Posteriormente, as plântulas tiveram suas partes aéreas e raízes medidas e a porcentagem de germinação e inibição calculada para cada extrato. Tomate foi a espécie que mostrou maior sensibilidade para todos os extratos, seguido de agrião, cebola e alface. Os extratos que tiveram maior atividade foram o acetato de etila, acetona e as extrações líquido-líquido, indicando as frações que devem conter os princípios ativos da folha dessa espécie.Solanum lycocarpum A.St.-Hil (Solanaceae is a typical shrub in the Cerrado of central Brazil. The allelopathic activity of aqueous extracts of the leaves and fruits of this species has already been proven in previous studies. The goal of this work was to verify the

  19. Análise estrutural de folhas de Eugenia uniflora L. (Myrtaceae coletadas em ambientes rural e urbano, SP, Brasil Leaf anatomy of Eugenia uniflora L. (Myrtaceae in urban and rural environments, São Paulo State, Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Edenise Segala Alves

    2008-03-01

    Full Text Available Objetivou-se com este estudo verificar se plantas de Eugenia uniflora que crescem na cidade de São Paulo, diferem quanto à estrutura foliar, de exemplares encontrados em área rural, isenta de poluentes aéreos urbanos. Foram avaliadas, comparativamente, as dimensões da folha e, em microscopia de luz, a espessura dos tecidos foliares, a densidade de estômatos e de cristais da espécie, coletada em área rural e em dois pontos da cidade de São Paulo: canteiro central da Avenida dos Bandeirantes, com tráfego veicular intenso, portanto com alta carga de poluentes primários, e no Parque Estadual das Fontes do Ipiranga (PEFI submetido a altas concentrações de poluentes secundários. Buscaram-se variações que possam ser decorrentes da poluição urbana. As folhas coletadas no meio urbano mostraram menores dimensões, menor espessura do mesofilo, maior densidade estomática e maior quantidade de cristais. A espessura do parênquima lacunoso sofreu redução, quando se comparam as plantas do ambiente rural e urbano; observou-se a menor espessura nas folhas submetidas a poluentes secundários. Não foram observadas variações qualitativas entre as folhas dos três locais avaliados. Considerando que folhas coletadas no meio urbano variaram menos entre si, quando comparadas àquelas de área rural, acredita-se que a poluição aérea da cidade possa ser responsável, pelo menos em parte, pelas variações observadas. Exposições padronizadas, em ambiente monitorado, devem ser realizadas para comprovar tal hipótese.The aim of this study was to compare leaves of Eugenia uniflora from the city of São Paulo with leaves of plants from a rural site. Leaf size, tissue thickness, and stomatal and crystal density of E. uniflora growing at two sites in the city of São Paulo were investigated by light microscopy and compared with samples from a rural area. The level and types of air pollutants varied at the urban sites. Primary pollutants were present

  20. Feeding preference of Diabrotica speciosa (Ger. (Coleoptera: Chrysomelidae by broccoli leaves from natural, organic and conventional farming systems/ Preferência alimentar de Diabrotica speciosa (Ger. (Coleoptera: Chrysomelidae por folhas de brócolos cultivado em sistema natural, orgânico e convencional

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Pedro Manuel O. J. Neves

    2006-06-01

    Full Text Available Multiple-choice laboratory tests were achieved to compare feeding preference of Diabrotica speciosa (Ger. to leaves of broccoli (Brassica oleraceae L. var. italica from natural, conventional and organic farming systems. Natural farming systems included incorporation of the elephant grass Pennisetum purpureum Schumacher cv. Napier (50 ton/ha, Bokashi compost (1.5 ton/ha and spray of EM 4 (Natural 1, or the incorporation of the Bokashi compost (1.5 ton /ha and spray of EM 4 (Natural 2, and in the conventional, NPK + borax were incorporated in the planting + dressing N and organic compost (1 kg/ plant was incorporated in the organic system. Organic compost was prepared using crop residues of corn (Zea mays L., soybean [Glycine max (L. Mer.], and cattle manure. Leaf discs were collected and placed in cages in multiple-choice tests. Beetles preferred mostly broccoli leaves from conventional farming system than leaves from Natural (1 and 2 and Organic farming systems. Feeding on leaves from Natural 1, Natural 2 and Organic farming system were 68, 67 and 57% of the feeding on leaves from Conventional farming system.Testes de múltipla escola foram realizados para comparar a preferência alimentar de Diabrotica speciosa (Ger. por folhas de brócolos (Brassica oleraceae L. var. italica cultivado em sistema natural, convencional e orgânico. No sistema natural de cultivo houve a incorporação de capim elefante Pennisetum purpureum Schumacher cv. Napier (50 ton/ha, composto Bokashi (1,5 ton/ha e pulverização de EM 4 (Natural 1, ou a incorporação do composto Bokashi (1,5 ton/ha e pulverização do EM 4 (Natural 2, no sistema convencional houve a incorporação do NPK + borax + N em cobertura, e no sistema orgânico incorporouse composto orgânico (1 kg/planta. O composto orgânico foi preparado utilizando-se resíduos de milho (Zea mays L. e soja [Glycine max (L. Mer.] e esterco de gado. Folhas foram retiradas das plantas das quais foram separados

  1. Avaliação da atividade antioxidante em diferentes extratos da polpa e sementes da romã (Punica granatum, L. Antioxidant activity evaluation of different polarities extracts by pulp and seeds of pomegranate (Punica granatum, L.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fernanda Archilla Jardini

    2007-03-01

    Full Text Available Avaliou-se a atividade antioxidante dos extratos etéreo, alcoólico e aquoso obtidos da polpa e das sementes da romã (Punica granatum, L., utilizando-se dois sistemas: 1 co-oxidação do beta-caroteno/ácido linoléico e 2 Rancimat®. Inicialmente foram determinados os compostos redutores presentes na polpa (1.214 mg/100 g e nas sementes (1.732 mg/100 g e, em seqüência, avaliou-se nos extratos, através de cromatografia em camada delgada (CCD, a presença de compostos fenólicos com atividade antioxidante. Os extratos aquosos tanto da polpa quanto das sementes apresentaram as maiores porcentagens de inibição da oxidação: 87,31% e 93,08%, respectivamente. Através da avaliação cinética pelo teste de co-oxidação com beta-caroteno e ácido linoléico, pôde-se verificar que a alta porcentagem da atividade antioxidante dos extratos aquosos é devida à capacidade de inibir a oxidação nas fases inicial e mais avançada do processo oxidativo, agindo por mecanismos primário e secundário. Todos os extratos (etéreo, alcoólico e aquoso apresentaram elevada capacidade em prolongar o período de indução da oxidação, medida pelo aparelho Rancimat®, sendo, ainda, significativamente (pIn etheric, alcoholic and aqueous extracts obtained from pomegranate (Punica granatum, L. pulp and seeds their antioxidant activity was evaluated by using two systems: co-oxidation of beta-carotene/linoleic acid and 2 Rancimat®. First of all, the presence of reducing compounds was detected in the pulp (1,214 mg/100 g and in the seeds (1,732 mg/100 g. The phenolic compounds with antioxidant activity were then evaluated in the extracts using thin-layer chromatography (TLC. The aqueous extracts from the pulp and the seeds showed the highest antioxidant activity of 87.31% and of 93.08%, respectively. The kinetic curves obtained by cooxidation of beta-carotene and linoleic acid substrates also showed the highest values in the aqueous. These results were

  2. Kinetics of drying of basil leaves (Ocimum basilicum L. in the infrared Cinética de secagem de folhas de manjericão (Ocimum basilicum L. via infravermelho

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Renata C. dos Reis

    2012-12-01

    Full Text Available The objective of this paper was to model the drying curves of the leaves of basil (Ocimum basilicum L. in the infrared at temperatures of 50, 60, 70 and 80 ºC and to evaluate the influence of drying temperature on the color of dried leaves. Drying was conducted in infrared dryer with temperature and greenhouse air circulation. Experimental data were fitted to eight mathematical models. The magnitude of the coefficient of determination (R², the mean relative error (P, the estimated mean error (SE and chisquare test (χ2 were used to verify the degree of fitness of the models. From the study it was concluded that: a the behavior of the drying curves of basil leaves was similar to most agricultural products, the drying times in the infrared were less than the drying times in an oven with air circulation, b the mathematical drying model proposed by Midilli et al. (2002 was the one which best adjusted to the experimental data, c the diffusion coefficient ranged from 9.10 x 10-12 to 2.92 x 10-11 m² s-1 and d the color of the samples was highly influenced by drying, becoming darker due to loss of chlorophyll with increasing temperature.Objetivou-se, neste trabalho, determinar, modelar as curvas de secagem das folhas de Manjericão (Ocimum basilicum L. por infravermelho nas temperaturas de 50, 60, 70 e 80 ºC e avaliar a influência das temperaturas de secagem na cor das folhas desidratadas. A secagem foi conduzida em secador infravermelho com controle de temperatura e em estufa com circulação de ar. Aos dados experimentais foram ajustados oito modelos matemáticos. As magnitudes do coeficiente de determinação (R², do erro médio relativo (P, do erro médio estimado (SE e do teste do qui-quadrado (χ² foram utilizadas para verificar o grau de ajuste dos modelos. Do estudo concluiu-se que: a o comportamento das curva s de secagem das folhas de manjericão foi semelhante ao da maioria dos produtos agrícolas; os tempos de secagem no infravermelho

  3. Tensões nas representações sobre a democracia nos atos contra e pró-impeachment do Governo Dilma Rousseff na cobertura do jornal Folha de São Paulo em 2015

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Valdir José Morigi

    2018-04-01

    Full Text Available O artigo aborda as tensões sobre a democracia na cobertura das principais matérias do jornal Folha de São Paulo (versão online, durante os atos contra e a favor do impeachment do Governo Dilma Rousseff (Partido dos Trabalhadores nos meses de março, agosto e dezembro de 2015. Analisa-se como o jornal constrói e coloca em circulação representações sobre a democracia, a partir das tensões presentes nos atos contra e pró-impeachment. Para tanto, apoiamo-nos sobre a Teoria das Representações Sociais, apresentamos elementos sobre o contexto da ditadura militar no Brasil e características da democracia representativa. Pesquisa de abordagem qualitativa, com base na Análise de Conteúdo e no estudo de ambiências. Conclui-se que as representações e tensões em torno dos valores democráticos visibilizados na cobertura das matérias denunciaram a tentativa de golpe à democracia e chamaram atenção para os problemas que um regime conservador/autoritário impõe à sociedade. No entanto destacaram-se os enunciados que contribuíram com a disseminação do ódio à democracia, manutenção das condições de desigualdades sociais, negação dos problemas sociais e dos processos de luta por igualdade de direitos e cidadania. Os discursos, eventos e ações que antecederam ao golpe demarcam a dissolução da delicada manutenção do sistema democrático brasileiro.

  4. Atividade antioxidante de Hibiscus sabdariffa L. em função do espaçamento entre plantas e da adubação orgânica Antioxidant activity of Hibiscus sabdariffa L. in function of spacing between plants and organic fertilization

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Diovany Doffinger Ramos

    2011-08-01

    Full Text Available O objetivo deste trabalho foi avaliar os efeitos do espaçamento entre plantas na linha e da aplicação ou não de cama-de-frango em cobertura no solo, na atividade antioxidante, teor total de fenóis e flavonóides em extrato etanólico e extrato aquoso quente de folhas de rosela (Hibiscus sabdariffa L.. Os tratamentos consistiram de cinco espaçamentos entre plantas (0,30; 0,35; 0,40; 0,45 e 0,50m e do uso ou não de cama-de-frango em cobertura do solo, na dose de 10t ha-1, arranjados como fatorial 5x2, no delineamento blocos casualizados, com quatro repetições. Os teores de flavonóides e fenóis totais aumentaram no extrato etanólico (18% e 11%, respectivamente e no extrato aquoso quente (16% e 11%, respectivamente entre a aplicação ou não de cama-de-frango em cobertura no solo. A atividade antioxidante foi influenciada significativamente pelo método de obtenção dos extratos, sendo no extrato etanólico 263% maior que o resultado obtido para o extrato aquoso quente.The purpose of this paper was to analyze the effects of plant spacing within rows by means of applying or not applying chicken-manure to the soil cover in the antioxidant activity, total phenolic and flavonoids in ethanolic leaves extract and hot aqueous extract of roselle. The treatments consisted of five different spaces between plants (0.30, 0.35, 0.40, 0.45 and 0.50m and the use or non-use of chicken litter broadcasted on soil surface at 10 ton ha-1, in a 5x2 factorial arrangement in a randomized block design with four replications. The flavonoids levels and total phenolic increased on ethanolic leaves extract (18% and 11%, respectively and hot aqueous extract (16% and 11%, respectively between applying or not applying chicken-manure to the soil cover. Antioxidant activity was significantly influenced by the way of obtaining extracts, being the ethanolic extract 263% higher than the results obtained by the hot aqueous extract.

  5. Remoção de polifenóis da farinha de folhas de mandioca Removal of polyphenols of the flour cassava leaves

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Angelita Duarte Corrêa

    2004-06-01

    Full Text Available A farinha de folhas de mandioca apresenta baixa digestibilidade, mesmo possuindo um teor relativamente elevado em proteínas, principalmente, devido à presença de substâncias como os polifenóis. Visando melhorar o aproveitamento protéico desta farinha, empregaram-se três solventes (água, etanol 50mL/100mL e hidróxido de amônio 1mol/L para remover os polifenóis. Folhas maduras de mandioca foram coletadas na fase vegetativa, em três repetições, colocadas em bandejas de papel e secas à sombra sobre bancadas de madeira, em recinto fechado e arejado, em temperatura ambiente. Após secagem, retiraram-se os pecíolos e as folhas foram moídas e passadas em peneira de 40mesh. A farinha foi submetida, antes e após a remoção dos polifenóis, às análises de umidade, fibra detergente neutra (FDN, fibra detergente ácida (FDA, açúcares totais, proteína bruta, vitamina C total, beta-caroteno, cianeto, inibidor de tripsina, polifenóis e digestibilidade protéica in vitro. Após remoção dos polifenóis, houve diminuição dos teores de açúcares totais, vitamina C total, inibidor de tripsina e polifenóis e aumento de FDN, FDA, proteína bruta, beta-caroteno e digestibilidade protéica in vitro. Dos solventes empregados para remover polifenóis, o hidróxido de amônio foi o mais eficaz, com índice de remoção de 94%, seguido pelo etanol (83% e água (65%. A digestibilidade da proteína in vitro aumentou em 74%, quando o solvente empregado na remoção dos polifenóis foi o hidróxido de amônio.Even featuring a relatively high level in proteins, the flour of cassavaleaves presents low digestibility, mainly, due to the presence of such substances as polyphenols. Seeking to improve the protein availability of such flour, three solvents (water, ethanol 50mL/100mL and ammonium hydroxide 1mol/L were used for the removal of the polyphenols. Mature leaves of cassava were picked in phase of vegetative development, in three repetitions, they

  6. MiDAS

    DEFF Research Database (Denmark)

    McIlroy, Simon Jon; Saunders, Aaron Marc; Albertsen, Mads

    2015-01-01

    The Microbial Database for Activated Sludge (MiDAS) field guide is a freely available online resource linking the identity of abundant and process critical microorganisms in activated sludge wastewater treatment systems to available data related to their functional importance. Phenotypic properties...... of some of these genera are described, but most are known only from sequence data. The MiDAS taxonomy is a manual curation of the SILVA taxonomy that proposes a name for all genus-level taxa observed to be abundant by large-scale 16 S rRNA gene amplicon sequencing of full-scale activated sludge...... communities. The taxonomy can be used to classify unknown sequences, and the online MiDAS field guide links the identity to the available information about their morphology, diversity, physiology and distribution. The use of a common taxonomy across the field will provide a solid foundation for the study...

  7. Efecto del tamaño de partícula sobre la capacidad antioxidante de un subproducto de guayaba (Psidium guajava L.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Jorge Geovanny Figueroa Hurtado

    2012-12-01

    Full Text Available El presente estudio buscó determinar el efecto del tamaño de partícula (> 1000 y 500 y 250 y 0,05 en el rendimiento de extracción, obteniendo un valor promedio de 46,4 ± 5,9 %. Se cuantificó el potencial antioxidante mediante los métodos ABTS, FRAP, DPPH y fenoles totales. El tamaño de partícula que permitió una mayor capacidad antioxidante fue la fracción comprendida > 500 y < 1000 μm para FRAP, ABTS, fenoles totales y < 250 μm para DPPH.

  8. Efecto del tamaño de partícula sobre la capacidad antioxidante de un subproducto de guayaba (Psidium guajava L.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Jorge Geovanny Figueroa Hurtado

    2012-01-01

    Full Text Available El presente estudio buscó determinar el efecto del tamaño de partícula (> 1000 y 500 y 250 y 0,05 en el rendimiento de extracción, obteniendo un valor promedio de 46,4 ± 5,9 %. Se cuantificó el potencial antioxidante mediante los métodos ABTS, FRAP, DPPH y fenoles totales. El tamaño de partícula que permitió una mayor capacidad antioxidante fue la fracción comprendida > 500 y < 1000 μm para FRAP, ABTS, fenoles totales y < 250 μm para DPPH.

  9. Notícia de romances, folhetos e folhas volantes na terra de Miranda

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    António Bárbolo Alves

    2008-11-01

    Full Text Available Au Portugal la « littérature de colportage » est appelée « literatura de cordel », « folhas volantes » ou « folhetos ». Dans la région Terra de Miranda, à l'extrême nord-est du Portugal, ces livres populaires ont circulé jusqu'à la moitié du XX siècle mais, malheureusement, ils ont presque totalement disparu. Dans cet article, guidés par la mémoire et le savoir d'une conteuse, on essaiera de retrouver quelques traces de ces « folhetos » : leurs caractéristiques techniques et poétiques, les sujets les plus importants et la langue (étant donné que dans cette région on parle aussi le mirandais.

  10. Toxicidade aguda do extrato aquoso de folhas de Erythrina velutina em animais experimentais

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ariadne Conceição Santos Craveiro

    Full Text Available Este trabalho teve como objetivo a avaliação da toxicidade aguda do extrato aquoso de folhas de Erythrina velutina, espécie vegetal muito usada na medicina popular principalmente como tranqüilizante. O protocolo experimental utilizado seguiu o Guia para a Realização de Estudos de Toxicidade Pré-clínica de Fitoterápicos da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa, 2004. Ratos Wistar adultos foram tratados por via oral com a dose limite de 5 g/kg do extrato e observados por 14 dias consecutivos. Nenhum animal veio a óbito e nenhum sinal de toxicidade foi detectado nas observações comportamentais ou nas autópsias, indicando uma razoável atoxicidade do extrato.

  11. THE COVERAGE OF THE FOLHA DE S.PAULO ON THE POSSIBLE THIRD MANDATE

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Merilyn Escobar de Oliveira

    2009-08-01

    Full Text Available The possibility of a new mandate for President Lula guided the public agenda in the last quarter of 2007 and returned to the media scene in April and the first week of May 2008. This article investigates the aspects of journalistic coverage on the “thesis” of the third mandate giving emphasis to the news making, the framing and the outcome. The importance gained by the “thesis” of re-election related directly of the electoral process of 2010 and the futures expectations of the Workers’ Party (PT. This article supports the hypothesis that rhythm of the journalistic coverage, and more precisely, that the news framing was tendentious. Our corpus contemplates publications of the Folha de S. Paulo, the national newspaper of larger circulation in the country.

  12. CAN NEWS SITES STIMULATE ONLINE DELIBERATION? A STUDY OF READERS COMMENTS POSTED ON FOLHA.COM

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Samuel Anderson Rocha Barros

    2013-06-01

    Full Text Available This paper assesses online deliberation on readers’ comments on the website of the Brazilian newspaper Folha de S. Paulo. To this end, 260 posts on four different stories were analyzed. In addition to the comments, the newspaper’s website, its discursive tools and the political stance of the participants, were examined. It was concluded that there was relevant deliberativeness in discussions but also excessive aggressiveness among participants. The comments posted revealed that most of the participants sought to win debates rather than promoting mutual understanding. Lastly, the paper discusses how to deal normatively with this aggressiveness and attempts to identify ways to increase democratic values through the provision of discursive tools by news sites.

  13. Estudo anatômico de folha e caule de Pereskia aculeata Mill. (Cactaceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    M.R. Duarte

    Full Text Available Pereskia aculeata Mill. (Cactaceae é uma trepadeira arbustiva conhecida comumente como ora-pro-nobis. Apresenta elevado teor de mucilagem e proteína, sendo empregada na indústria alimentícia e farmacêutica. Na medicina popular, é utilizada externamente como emoliente. Este trabalho teve por objetivo estudar a anatomia foliar e caulinar da planta, a fim de fornecer informações complementares à sua identificação e aplicáveis ao seu controle de qualidade. Folhas adultas e fragmentos de caules foram fixados, seccionados à mão livre e corados com azul de astra e fucsina básica ou com azul de toluidina. Testes histoquímicos e análise ultra-estrutural de superfície foram realizados. A folha é simples e elíptica. Possui epiderme uniestratificada, estômatos paracíticos em ambas as faces, mesofilo que tende a ser dorsiventral, contendo numerosas drusas de oxalato de cálcio e células isodiamétricas grandes com conteúdo mucilaginoso. A nervura central é percorrida por um feixe vascular colateral em arco aberto. O pecíolo tem secção plano-convexa e um feixe colateral em formato de arco fechado. O caule, em estrutura secundária incipiente, possui epiderme unisseriada, colênquima angular, parênquima cortical com muitos amiloplastos, calotas de fibras perivasculares e organização vascular colateral. No córtex e na medula, são observadas numerosas cavidades com conteúdo mucilaginoso e drusas de oxalato de cálcio, estas também presentes no floema.

  14. Alterações morfofisiológicas em folhas de Coffea arabica L. cv. "Oeiras" sob influência do sombreamento por Acacia mangium Willd Morphophysiological alterations in leaves of Coffea arabica L. cv. 'Oeiras' shaded by Acacia mangium Willd

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Inês Angélica Cordeiro Gomes

    2008-02-01

    Full Text Available Diferenças na disponibilidade de radiação podem causar modificações na estrutura e função das folhas do cafeeiro, que podem responder de maneira diferencial à radiação por alterações morfológicas, anatômicas, de crescimento e na taxa fotossintética. O objetivo deste trabalho foi avaliar características morfofisiológicas de cafeeiros (Coffea arabica L. cv. "Oeiras" sombreados por acácia (Acacia mangium Willd. na época seca e chuvosa no sul de Minas Gerais. As maiores taxas fotossintéticas e maiores espessuras da epiderme adaxial foram observadas na estação chuvosa nas linhas de cafeeiros a pleno sol. O sombreamento influenciou em menor espessura das folhas e em espaços intercelulares maiores no tecido esponjoso. Foi também verificada mudança na forma dos cloroplastos, os quais apresentaram-se mais alongados em folhas de cafeeiros a pleno sol quando relacionados aos arborizados.Light availability is one of the most important environmental factors affecting leaf structure and functions in coffee plants that can respond differently to radiation by changes in leaf anatomy, morphology, growth and photosynthetic rate. The objective of this research was evaluate some morphophysiological aspects in leaves of coffee (Coffea arabica L. cv. 'Oeiras' cropped under shelter trees in the south of Minas Gerais during the rainy and dry season. The shade caused lower leaves thickness and higher intercellular spaces in spongious tissue. There was also verified a change in chloroplast shape, which showed more elongated in coffee tree kept at full sunlight in relation to that ones maintained on shading.

  15. Evaluación de la capacidad antioxidante por el Método Frap de un posible alimento funcional

    OpenAIRE

    Gomero Ostos, Néstor

    2013-01-01

    El presente trabajo tiene como objetivo determinar si la incorporación de brócoli deshidratado en la formulación de un producto de panificación le permite mostrar a esta última capacidad antioxidante de tal manera que le pueda considerar como un alimento funcional. Existen evidencias epidemiológicas de una asociación inversa entre :consumo de brócoli, otras crucíferas (col; coliflor y col bruselas) y riesgo de cáncer, las propiedades anticancerígenas de estos vegetales se han atribuido a ...

  16. Mecanismos implicados en la acción antioxidante de polifenoles naturales en productos de la pesca y acuicultura

    OpenAIRE

    Maestre, Rodrigo

    2012-01-01

    El objetivo de la presente tesis doctoral consistió en el estudio de los mecanismos que rigen la actividad de aquellos polifenoles de origen natural con mayor actividad antioxidante sobre el músculo de pescado. Asimismo, la investigación comprendió el efecto que dichos polifenoles pueden ejercer sobre la digestión y biodisponibilidad de los compuestos lipídicos del pescado, en particular los PUFAs ω-3. Para ello se eligió un extracto de uva rico en procianidinas que en estudios...

  17. Estrés oxidativo en la diabetes mellitus papel de la vitamina E y antioxidantes endógenos

    OpenAIRE

    Montier Iglesias, Ariel; Ramos Arencibia, Arle Luís; Gómez García, Marcia Leticia; Pérez Cardoso, Javier Joaquín; Quintana Pérez, Quinley

    2015-01-01

    Introducción: la diabetes mellitus es una entidad clínica resultado de la secreción deficiente de insulina que puede ser absoluta o relativa. El marcador bioquímico de la entidad es la hiperglucemia y es la causa de los síntomas característicos de su mal control. La hiperglucemia produce neuropatías, nefropatías, microangiopatía y macroangiopatía. Objetivo: describir el comportamiento de la vitamina E y antioxidantes endógenos en el estrés oxidativo por hiperglucemia crónica en el curso de la...

  18. Produção de massa seca, relação folha/colmo e alguns índices de crescimento do Brachiaria brizantha cv. Xaraés cultivado com a combinação de doses de nitrogênio e potássio Dry matter production, leaf/stem ratio and growth indexes of palisade grass (Brachiaria brizantha cv. Xaraés, cultivated with different rate combinations of nitrogen and potassium

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rosane Cláudia Rodrigues

    2008-03-01

    Full Text Available Objetivou-se avaliar a produção de massa seca das folhas, a relação folha/colmo e alguns índices de crescimento do capim-xaraés submetido a doses de nitrogênio (N e potássio (K. O experimento foi conduzido em casa-de-vegetação no período de novembro/2004 a fevereiro/2005. Adotou-se esquema fatorial 4 ´ 3, perfazendo 12 combinações, as quais foram distribuídas em delineamento experimental inteiramente casualizado, com quatro repetições, perfazendo um total 48 unidades experimentais. Foram utilizadas quatro doses de N (0, 75, 150 e 225 mg dm-3 e três doses de K (0, 50 e 100 mg dm-3. Verificou-se efeito das doses de N na produção de massa seca das folhas e na produção de massa seca total, em todos os cortes, com maior produção nas doses mais elevadas de N, ao passo que o K influenciou essas variáveis apenas no segundo corte. A relação folha/colmo, a RAF, a AFE e a RPF somente foram significativas no terceiro corte da planta. Os efeitos das doses de foram decrescentes sobre essas variáveis, enquanto as doses de K agiram de modo antagônico às doses de N sobre a RAF e AFE.This work aimed to evaluate dry matter production, leaf/stem ratio and growth indexes of palisade grass cv. Xaraés grown under increasing nitrogen and potassium rates. The experiment was carried out in a greenhouse from November, 2004 until February, 2005. The experimental treatments consisted of a 4 ´ 3 factorial arrangement between nitrogen and potassium rates respectively. Nitrogen rates were 0, 75, 150, and 225 mg dm-3, whereas potassium rates were 0; 50 and 100 mg dm-3. The experiment design was completely randomized with four replications. It was verified a positive N fertilization effect both on leaf dry matter yield and total dry matter yield. Potassium influenced these same response variables only at the second harvest. The leaf/stem ratio, leaf area ratio (LAR, specific leaf area (SLA and, leaf weight ratio (LWR were affected by treatments

  19. Control of brown spot pathogen of rice (Bipolaris oryzae using some phenolic antioxidants Controle da macha-parda do arroz (Bipolaris oryzae pelo emprego de antioxidantes fenólicos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Y.M. Shabana

    2008-09-01

    Full Text Available Bipolaris oryzae is the causal agent of rice brown spot disease and is responsible for significant economic losses. In order to control this disease, three phenolic antioxidants were tested (salicylic acid, benzoic acid and hydroquinone. The antifungal activity of the tested substances were investigated against B. oryzae at different concentrations in vitro, as well as the efficacy of their exogenous application in controlling rice brown spot disease under field conditions. In vitro, benzoic acid or salicylic acid at 9 mM completely inhibited the growth of B. oryzae. Under field conditions, spraying of benzoic acid at 20 mM led to a significant reduction in disease severity (DS and disease incidence (DI on the plant leaves, in addition to a significant increase in the grain yield and its components. Some biochemical responses were also detected, where the application of the previous treatment led to a significant increase in the total photosynthetic pigments (chlorophyll a and b and carotenoids in rice leaves and in the total carbohydrate and protein contents of the yielded grains.Bipolaris oryzae é o agente causador da doença mancha-parda do arroz e é responsável por significativas perdas econômicas. Três antioxidantes fenólicos (ácido salicílico, ácido benzóico e hidroquinona foram avaliados para o controle dessa doença do arroz. A atividade antifúngica destes compostos foi avaliada in vitro contra B. oryzae em diferentes concentrações e a eficiência de sua aplicação exógena no controle da mancha-parda foi avaliada em condições de campo. Nos ensaios in vitro, os ácidos benzóico e salicílico a 9 mM inibiram completamente a multiplicação de B. oryzae. Em condições de campo, a aspersão de ácido benzóico a 20 mM causou uma redução significativa na gravidade e incidência da doença na folhas da planta, além de aumentar significativamente o rendimento dos grãos e seus componentes. Algumas respostas bioqu

  20. Isolamento e caracterização da lectina camptosemina extraída das sementes de Camptosema ellipticum

    OpenAIRE

    Fernanda Aparecida Heleno Batista

    2007-01-01

    Lectinas são (glico)proteínas de origem não imune capazes de causar aglutinação celular e/ou precipitação de glicoconjugados. O termo lectina de legume refere-se às lectinas de plantas que são encontradas exclusivamente em exemplares da família Leguminosae. Uma característica notável das lectinas de legumes é que todas as proteínas compartilham estrutura terciária constituída pelo motivo jelly-roll, que é basicamente composto por folhas-β, mas apresentam grande variabilida...

  1. Das, Prof. Gobardhan

    Indian Academy of Sciences (India)

    Das, Prof. Gobardhan Ph.D. (Imtech), FNASc. Date of birth: 10 December 1966. Specialization: Immunology, Infectious Diseases, Cell Biology Address: Special Centre for Molecular Medicine, Jawaharlal Nehru University, New Delhi 110 067, U.T.. Contact: Office: (011) 2670 4559, 2673 8824. Residence: (0124) 424 2351

  2. Sarma, Prof. Dipankar Das

    Indian Academy of Sciences (India)

    Home; Fellowship. Fellow Profile. Elected: 1993 Section: Chemistry. Sarma, Prof. Dipankar Das Ph.D. (IISc), FNA, FNASc, FTWAS Council Service: 2016-. Date of birth: 15 September 1955. Specialization: Strongly Interacting Electron Systems, Disordered Systems, Nanomaterials and Energy Materials Address: Professor ...

  3. Ikea das Rendas

    OpenAIRE

    Bergman, Aeron; Salinas, Alejandra

    2008-01-01

    FIALENA fabric design by Anna Svanfeldt for IKEA of Sweden. It took Maria da Guia 2 months to reproduce the Ikea pattern using traditional Portuguese improvised knots. 2008 Installasjon i Museu das Rendas, Vila do Conde, Portugal, 01.09.2008 - 01.10.2008. Sponsor: City of Villa do Conde.

  4. Das Kapital e Eu

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    David Schweickart

    2017-11-01

    Full Text Available A partir da sua própria biografia, o autor ensaia sobre sua interpretação de Das Kapital, de Karl Marx. Argumenta sobre a exploração capitalista, sobre o fetichismo e aponta para o problema central do capitalismo: a falta de controle dos concernidos sobre a produção de produtor úteis.

  5. Das, Prof. Saumitra

    Indian Academy of Sciences (India)

    Fellow Profile. Elected: 2009 Section: General Biology. Das, Prof. Saumitra Ph.D. (Calcutta), FNASc, FNA. Date of birth: 20 January 1962. Specialization: Molecular Virology, Molecular Biology and Cell Biology Address: Microbiology and Cell Biology Department, Indian Institute of Science, Bengaluru 560 012, Karnataka

  6. Impacto de inseticidas sobre parasitóides da traça-das-crucíferas em repolho, no Distrito Federal

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Castelo Branco Marina

    2001-01-01

    Full Text Available Este trabalho teve como objetivo identificar os parasitóides da Plutella xylostella(L. presentes em áreas de cultivo do Distrito Federal, tratadas ou não com inseticidas, onde larvas do inseto foram coletadas. Foram identificados quatro parasitóides: Apantelessp. (Braconidae, Oomyzus sokolowiskii (Kurdjumov (Eulophidae, Diadegmasp. (Ichneumonidae e Actiasp. (Tachinidae. Onível de parasitismo nas áreas não tratadas com inseticidas variou de 5% a 94%, enquanto em áreas tratadas variou de 11% a 87%. A maior parte das larvas de traça-das-crucíferas foram encontradas nas cabeças de repolho ou na parte inferior das folhas da saia das plantas. Esta distribuição de larvas sobre as plantas deve permitir que estas escapem do contato com o inseticida, e, conseqüentemente, os parasitóides podem sobreviver nas plantas tratadas.

  7. Suplementação de antioxidantes: enfoque em queimados Antioxidant supplementation: focusing on burned patients

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Eliana Barbosa

    2007-12-01

    Full Text Available Na queimadura, os radicais livres são produzidos durante a reposição de fluídos, alterando numerosos componentes, como os ácidos nucléicos, os lipídios e as proteínas. Sendo assim, se, por um lado, essa restauração do fluxo sanguíneo é, em geral, necessária para recuperar a função celular normal, por outro lado a reintrodução do sangue oxigenado nos tecidos isquêmicos contribui para uma produção excessiva de radicais livres derivados do oxigênio, exacerbando a lesão mediada pela isquemia. O papel dos neutrófilos ativados na célula após a queimadura também tem recebido atenção especial. A partir do sistema NADPH oxidase os neutrófilos aderidos podem produzir uma explosão de radical superóxido, produzindo um dano tecidual importante. A queimadura, além de aumentar a produção de radicais livres, também é capaz de impedir os mecanismos de defesa antioxidante, submetendo o paciente queimado ao estresse oxidativo, o qual se constitui em fator perpetuante da resposta inflamatória sistêmica, levando à piora progressiva do estado metabólico. Com esses dados, objetiva-se revisar os principais estudos com a suplementação de antioxidantes em pacientes críticos, com ênfase em pacientes queimados, e descrever os possíveis benefícios dessa intervenção.In burn injuries, free radicals are produced during fluid replacement, altering multiple components of the organism such as nucleic acids, lipids and proteins. Thus, if on the one hand restoring blood flow is generally necessary to recover normal cell function, on the other hand oxygen reperfusion into ischemic tissues triggers massive production of oxygen free radicals, therefore further exacerbating ischemic injury. The role of neutrophiles activated in the cell after burns has also received special attention. By means of the NADPH-oxidase system, adherent neutrophiles may release superoxide radicals inflicting major tissue damage. The burn injury not only

  8. Atividade antioxidante in vitro de extratos de algumas algas verdes (Chlorophyta do litoral catarinense (Brasil Antioxidant in vitro activity of extracts of some green seaweed (Chlorophyta from southern Brazilian coast

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Melissa dos Santos Raymundo

    2004-12-01

    Full Text Available O efeito antioxidante de quatro espécies de algas marinhas do filo Chlorophyta (Codium decorticatum, Enteromorpha intestinalis, Ulva fasciata e Chaetomorpha anteninna foi avaliado através da inibição da peroxidação do ácido linoléico em emulsão. Os extratos etéreos e metanólicos, na concentração de 0,01%, foram obtidos por extração seqüencial das biomassas secas. As espécies mais efetivas sobre a peroxidação lipídica foram Enteromorpha intestinalis e Chaetomorpha anteninna, com porcentagens de inibição acima de 70%. A habilidade dos extratos metanólicos para seqüestrar o peróxido de hidrogênio foi avaliada, obtendo-se valores médios para porcentagens de captura entre 1,26% e 20,01%. Além disto, quantificaram-se os teores de clorofila a, carotenóides totais e compostos fenólicos totais nas biomassas algais. Os resultados indicam que as algas verdes estudadas são uma fonte promissora de compostos biologicamente ativos com propriedades antioxidantes.The antioxidant activity of four species of green seaweeds of the phylo Chlorophyta (Codium decorticatum, Enteromorpha intestinalis, Ulva fasciata and Chaetomorpha anteninna collected at the seacoast of the State of Santa Catarina, Brazil, was evaluated by means of the inhibition of peroxidation of linoleic acid converted into emulsion. Both ethereal and methanolic extracts were obtained from dried biomasses by sequential extraction procedures in concentrations of 0.01%. The most efficient species towards lipid peroxidation were E. intestinalis and C. anteninna with inhibition yields above 70% .The capacity of methanolic extracts to quench hydrogen peroxide was also estimated. Mean values varied from 1.26 to 20.01%. Chlorophylls a, total carotenoids and phenolic compounds were also quantified in the biomasses. Results indicated that studied green seaweeds are a very promising source of biologically active compounds with antioxidant properties.

  9. ESTUDIO QUÍMICO Y ACTIVIDADES ANTIOXIDANTE Y BACTERICIDA DE Ganoderma applanatum

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    MIGUEL SEGUNDO GUZMÁN N

    Full Text Available Los hongos han estado en la cumbre de la medicina oriental desde hace 2000 años, los productos derivados de estos organismos actualmente presentan los más altos volúmenes de venta en el mercado de alimentos saludables en países como Taiwán y China. Del extracto etanólico del hongo macromiceto Ganoderma applanatum se aisló por Cromatografía en Columna sobre silica gel la fracción esterólica. Los esteroles presentes en esta fracción fueron analizados por Cromatografía de Gases de Alta Resolución acoplada a Espectrometría de Masas (CGAR-EM, lográndose la identificación de 9 compuestos esteroidales, seis de los cuales, los compuestos 1, 3, 4, 7, 8 y 9 se reportan por primera vez en G. applanatum. Al evaluar la actividad antioxidante del extracto etanólico mediante los métodos ABTS y DPPH se encontraron valores de IC50 = 15,274 µg/mL y 20 µg/mL, respectivamente, mientras que para el extracto de diclorometano se obtuvieron valores de IC50 = 10,78 µg/mL para ABTS y 27,82 µg/mL para DPPH. Los extractos etanólico y de diclorometano mostraron buena actividad bactericida a una concentración de 150 mg/mL frente a la bacteria Staphylococcus aureus

  10. GELEIA DE PHYSALIS PERUVIANA L.: CARACTERIZAÇÃO BIOATIVA, ANTIOXIDANTE E SENSORIAL

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Josiane Kuhn RUTZ

    2012-08-01

    Full Text Available Os frutos de Physalis peruviana L, além de carboidratos, apresentam compostos bioativos como os carotenoides e compostos fenólicos, no entanto, é um fruto que apresenta alta perecibilidade. Sendo assim, o processamento deste em diversos produtos consiste em uma alternativa para aumentar seu consumo e sua vida útil. Neste estudo foram elaboradas duas formulações de geleias com os frutos de Physalis peruviana L, sendo uma tradicional e uma light, nas quais foram avaliadas suas características físico-químicas, conteúdo de fitoquímicos e a aceitação sensorial. A geleia light apresentou maiores teores de carotenoides e de compostos fenólicos totais do que a geleia tradicional, devido ao maior percentual de polpa utilizado. No entanto, a atividade antioxidante não apresentou correlação positiva com o conteúdo dos fitoquímicos avaliados. Como esperado, a geleia tradicional apresentou maiores teores de açúcares, sólidos solúveis totais e menor acidez. Pela avaliação sensorial, não foram observadas diferenças signifi- cativas entre as duas formulações de geleias, obtendo-se para ambas altos índices de aceitabilidade. A elaboração de geleias é uma alternativa viável para a utilização do Physalis peruviana L, e a geleia light que além de ser considerada mais saudável pela menor adição de sacarose e, portanto com menor conteúdo calórico, também apresenta um maior teor de carotenoides e compostos fenólicos totais, apresentando o mesmo grau de aceitabilidade que a tradicional.

  11. O relevo na interpretação da variabilidade espacial dos teores de nutrientes em folha de citros Landrelief in the interpretation of spatial variability of nutrient content in citrus leaves

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marisol G. A. de Leão

    2010-11-01

    Full Text Available A diagnose foliar é um critério para avaliação do estado nutricional das culturas agrícolas, que auxilia na compreensão da fertilidade do solo e na aplicação racional de adubos, levando em conta aspectos econômicos e ambientais. O trabalho teve como objetivo utilizar as formas do relevo como regra para auxiliar na interpretação da variabilidade espacial dos teores de nutrientes da folha de citros. Coletas de folhas foram realizadas em intervalos regulares de 50 m, totalizando 332 pontos de amostragem. Os dados foram analisados pela estatística descritiva, geoestatística e indução da árvore de decisão. Com o auxílio do modelo digital de elevação (MDE e do perfil planialtimétrico, a área foi dividida em diferentes formas do relevo e segmentos de vertente. Os maiores valores para os nutrientes da folha de citros foram observados no topo em relação aos segmentos de meia encosta e encosta inferior. Os nutrientes da folha de citros apresentaram altos valores de correlação (>0,05 com a altitude da área estudada, acima de 0,5. A técnica de geoestatística e a indução pela árvore de decisão demonstram que o relevo é a variável com maior potencial para interpretar os mapas de variabilidade espacial dos nutrientes da folha de citros comparada com outras variáveis de campo como comprimento de rampa e declive.Foliar diagnosis is a method for assessing the nutritional status of agricultural crops, which helps in the understanding of soil fertility and rationalized application of fertilizers taking into account economic and environmental criteria. The study aimed to use the landrelief as criteria to assist in interpreting the spatial variability of nutrient content of the citrus leaf. The leaves were collected at regular intervals of 50 m, totaling 332 sampling points. Data were analyzed by descriptive statistics, geostatistics and induction of decision tree. With the aid of digital elevation model (MDE and the profile

  12. Avaliação da atividade antioxidante dos compostos fenólicos naturalmente presentes em subprodutos do pseudofruto de caju (Anacardium occidentale L. Evaluation of the Antioxidant Activity of Phenolic Compounds Naturally Contained in By-products of the Cashew Apple (Anacardium occidentale L.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Priscila Regina Bolelli Broinizi

    2007-12-01

    Full Text Available O presente trabalho teve como proposta avaliar a capacidade antioxidante do bagaço e do extrato bruto concentrado (EBC do pedúnculo de caju, tendo em vista o seu aproveitamento. O potencial antioxidante dos extratos aquoso (EAq e alcoólico (EAlc e das frações de ácidos fenólicos livres (AFL e esterificadas (solúvel AFS e insolúvel AFI desses subprodutos do pedúnculo de caju clone CCP-76 foi avaliado em sistema beta-caroteno/ácido linoléico, pelo teste de varredura de radical livre [2,2 difenil-1-pricril-hidrazil (DPPH•] e de Rancimat. Além do mais, o conteúdo de fenólicos totais e o perfil de ácidos fenólicos foram determinados usando-se o reagente de Folin-Ciocateau e por cromatografia gasosa, respectivamente. O EAq e a fração AFL dos subprodutos apresentaram o maior conteúdo de fenólicos. As frações de ácidos fenólicos exibiram expressiva atividade antioxidante, superior aos extratos estudados nos sistemas beta-caroteno e DPPH. Entretanto no teste Rancimat, os extratos apresentaram maior proteção à oxidação em relação às frações e ao BHT. Nas frações foram identificados os ácidos gálico, ferúlico, caféico, protocatecuico, quínico, cinâmico, gentíssico, p-cumárico e salicílico, os quais lhes conferem o potencial antioxidante. Estes resultados caracterizaram in vitro o potencial antioxidante do bagaço e do EBC do pedúnculo de caju clone CCP-76.This study aimed to determine the antioxidant capacity of cashew apple pulp and raw concentrated extract. The antioxidant potential of aqueous (EAq and alcoholic (EAlc extracts and of free phenolic acids (FPA and esterified (soluble - SPA and insoluble - IPA fractions of the by-products of the cashew apple clone CCP-76 were evaluated in a beta-carotene-linoleate system by the free radical [2,2-diphenyl-1-picrylhydrazyl (DPPH•] scavenging assay and the Rancimat test. In addition, the total phenolic content and phenolic acid profile were determined using

  13. Antioxidant supplementation to the exercising horse Suplementação de antioxidantes para cavalos atletas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Carey A. Williams

    2010-07-01

    Full Text Available Evidence of oxidative stress in horses has been described in reports dealing with intense and endurance exercise. Oxidative stress occurs when antioxidant systems are insufficient causing oxidation to potentially damage DNA, proteins, and lipids, and contribute to degenerative changes. Vitamin E is the most commonly supplemented antioxidant in horses and has been shown that horses in exercise conditioning may require higher intakes of vitamin E than recommended. Also in various species vitamin C potentiates the effects of vitamin E; however, under maintenance conditions horses have the ability to synthesize sufficient ascorbate, the demand increases as stress on the body is increased. Competitive endurance horses were estimated to consume 1.2 to 5-times higher levels of vitamin E than recommended intakes. In these horses a negative correlation was found between the vitamin E intake and creatine kinase, and aspartate aminotransferase. Similarly, three-day event horses have vitamin E average intakes about 50% over recommended levels, and it was also found that intake of vitamin E negatively correlated with inflammatory markers. However, large doses of vitamin E at about 10-times the recommended levels could potentially interfere with beta-carotene absorption. While some studies have shown benefits of lipoic acid supplementation in endurance trained horses similar to that of vitamin E, other studies failed to show any benefit of supplemental superoxide dismutase in intensely exercising horses. The implications from this broad scope of work show potential benefits for supplementing various antioxidants however, before assuming efficacy from other species horse specific studies should be performed.Evidência de estresse oxidativo em eqüinos tem sido descrita em artigos que lidam com exercícios intensos e de resistência. O estresse oxidativo ocorre quando sistemas antioxidantes são insuficientes, causando oxidação com potencial de danificar DNA

  14. Acúmulo e efeitos fitotóxicos do flúor em folhas de boldo-gambá e capim-cidreira utilizadas para chás Fluorine accumulation and its phytotoxic effects in blue coleus and lemongrass leaves used for tea

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Naiara Viana Campos

    2010-07-01

    Full Text Available O objetivo deste trabalho foi avaliar o potencial de acúmulo de fluoreto em folhas de boldo-gambá (Plectranthus neochilus e capim-cidreira (Cymbopogon citratus, determinar o percentual de liberação do poluente por meio da infusão e caracterizar, visual e microscopicamente, os danos foliares causados pelo poluente. Mudas das duas espécies foram submetidas a nevoeiro simulado com fluoreto de potássio. O acúmulo de fluoreto na matéria seca foi mensurado com eletrodo específico em folhas lavadas e não lavadas, infundidas e não infundidas. O percentual de flúor disponibilizado nos chás foi superior para capim-cidreira, embora essa espécie apresente acúmulo de flúor menor que o boldo-gambá. Não foram observados sintomas visuais nas folhas das espécies estudadas, mas ao microscópio eletrônico de varredura, constatou-se a alteração da turgidez das células epidérmicas, ruptura da cutícula e deformação de estômatos e tricomas. O elevado teor de fluoreto nas folhas de C. citratus e P. neochilus e a ausência de sintomas visuais evidenciam que as espécies são tolerantes ao poluente. A lavagem das folhas em água é ineficiente para a remoção do flúor. O acúmulo e a liberação diferenciais de flúor estão relacionados às características morfoanatômicas das espécies analisadas.The objective of this work was to evaluate the fluoride accumulation in leaves of blue coleus (Plectranthus neochilus and lemongrass (Cymbopogon citratus, the percentage of fluoride released through infusion and to characterize visually and through microscopy the injuries caused by the pollutant. Saplings of the species were subjected to a simulated fog with potassium fluoride. Fluoride accumulation in dry matter was measured by a specific electrode in washed and unwashed leaves, subjected and not subjected to infusion. The percentage of available fluorine in teas was higher for lemongrass leaves, even though this species shows a lower fluorine

  15. Anatomia de raiz, caule e folha e identificação de estruturas secretoras de Achillea millefolium L. (Asteraceae - DOI: 10.4025/actascibiolsci.163 Anatomy of root, stem and leaf and identification of secretory structures of Achillea millefolium L. (Asteraceae- DOI: 10.4025/actascibiolsci.163

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ismar Sebastião Moscheta

    2007-11-01

    Full Text Available Realizou-se o estudo anatômico dos órgãos vegetativos raiz, caule e folha, e extraíram-se os óleos essenciais das diferentes partes da planta, identificando-se as possíveis estruturas secretoras desses óleos. Utilizou-se material fresco para a realização dos testes histoquímicos e para a confecção de lâminas semipermanentes, as quais se coraram com Safrablau. Para a confecção de lâminas permanentes, utilizou-se material fixado em FAA 50%, incluído em historesina. Observaram-se pêlos tectores no escapo e na folha, enquanto que pêlos glandulares foram encontrados no escapo e na flor. Canais secretores de origem esquizógena acompanham os feixes vasculares no rizoma, no escapo, na folha e na bráctea da flor. Na raiz, esses canais estão ausentes. Na folha e na inflorescência fechada, observouse maior quantidade de óleos essenciais. A folha é anfistomática e os estômatos, do tipo anomocítico, estão presentes também no escapo. A estrutura geral de Achillea millefolium é semelhante à de outras espécies da família Asteraceae.An anatomic study of the vegetative organs: root, stem and leaf was made. The essential oils were extracted from the plant identifying the possible secretory structures. Fresh material was used in order to perform histochemical tests and to prepare semi-permanent slides, which were colored with Safrabau. For the preparation of the semi-permanent slides, material fixed in FAA 50% was used including historesina. Tector hairs can be observed in the scape and flower. Secretory channels of schizogeneous origin follow the vascular bundles in the rhizome, scape, leaf and bract of the flower. In the root, these channels are absent. In the leaf and in the unopened inflorescence there is a greater quantity of the essential oils. The leaf is amphistomatic and the stomata of anomocytic type are present in the scape as well. The general structure of the Achillea millefolium is similar to the structures of the

  16. INFLUÊNCIA DE DIFERENTES TÉCNICAS DE CULTIVO SOBRE O POTENCIAL ANTIOXIDANTE DE CRUCÃFERAS INFLUENCE OF DIFFERENT AGRICULTURAL CROPS UPON THE ANTIOXIDANT CAPACITY OF CRUCIFEROUS VEGETABLES.

    OpenAIRE

    K. A. ARBOS; L. B. VILLAS-BOAS; C. A. M. SANTOS; A. M. WEFFORT-SANTOS

    2008-01-01

    A família Cruciferae possui exemplares importantes empregados na dieta humana, contribuindo como fonte de substâncias antioxidantes. Desta maneira, destaca-se a importância da avaliação do potencial antioxidante, uma vez que seu consumo é regular na dieta do brasileiro. No presente trabalho, a capacidade antioxidante de extratos obtidos de repolho branco, couve...

  17. CARACTERIZACIÓN FISICOQUÍMICA Y ACTIVIDAD ANTIOXIDANTE DE EXTRACTOS DE JAMAICA (Hibiscus sabdariffa L. NACIONAL E IMPORTADA

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    L. A. Galicia-Flores

    2008-01-01

    Full Text Available En el presente estudio se analizaron muestras de jamaica importada (Sudán y China y de México (Guerrero para determinar el color de sus cálices las bebidas preparadas con sus extractos, además del pH, acidez, perfil de antocianinas y la actividad antioxidante, a fin de encontrar si existen diferencias que pudieran repercutir en su apreciación comercial. Las soluciones preparadas con los extractos de jamaica China y México presentaron una coloración rojo brillante, mientras la muestra de Sudán fue café-rojizo. La muestra de México mostró los porcentajes de acidez más altos y los valores más bajos de pH, en tanto que la jamaica China tuvo la mayor concentración de antocianinas. Los extractos de las tres jamaicas presentaron el mismo perfil de antocianinas, obtenido mediante HPLC. De acuerdo con los parámetros de calidad determinados, la jamaica de México y China tiene mejor calidad que la de Sudán. El extracto de jamaica de México fue el que presentó la mayor actividad antioxidante, lo que podría ayudar a darle un valor agregado a la jamaica (Hibiscus sabdaritfa L. mexicana.

  18. Concentrado proteico de folhas de mandioca na alimentação de tilápias-do-nilo na fase de reversão sexual Cassava leaf protein concentrate in Nile tilapia diets during sex reversal phase

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Leandro Bohnenberger

    2010-06-01

    Full Text Available Este trabalho foi realizado com o objetivo de avaliar a inclusão de concentrado proteico de folhas de mandioca na alimentação de tilápias-do-nilo na fase de reversão sexual. Durante o período experimental, que durou 28 dias, foram utilizadas 300 larvas de tilápia com 7 dias de idade, distribuídas em 20 aquários com capacidade para 30 L, em um delineamento inteiramente casualisado, com cinco níveis do concentrado proteico de folhas de mandioca (0; 5; 10; 15 e 20%, cada um com quatro repetições, considerando unidade experimental um aquário com 15 larvas. As cinco rações foram isoproteicas e isoenergéticas, com 38,6% de proteína digestível e 3.300 kcal de ED/kg de ração. Os valores médios de temperatura, pH, oxigênio dissolvido e condutividade elétrica da água dos aquários durante o período experimental foram de 23,90 ± 1,35ºC; 7,23 ± 0,30; 5,15 ± 0,84 mg/L; e 105,91 ± 4,73 μS/cm, respectivamente. Ao final do período experimental, não foram observadas diferenças significativas no peso, no comprimento final, no ganho de peso nem na taxa de sobrevivência das larvas alimentadas com o concentrado proteico de folhas de mandioca. A utilização de concentrado proteico de folhas de mandioca em níveis de até 20% em rações para tilápia-do-nilo na fase de reversão sexual não prejudica o desempenho nem a sobrevivência dos animais.This paper aimed to evaluate the effect of inclusion of cassava leaf protein concentrate (CLPC in Nile tilapia diets during sex reversal phase. During the experiment, which lasted for 28 days, 300 tilapia larvae at 7 days of age were distributed into 20 aquarium tanks with 30 L of water capacity in a complete randomized design, with 5 levels of cassava leaf protein concentrate (0; 5; 10; 15; and 20%, each one with four replicates. One aquarium with 15 larvae was considered the experimental unit. The five rations were iso-proteic and iso-energetic containing 38.6% of digestible protein and 3

  19. Potencial de água no solo e na folha da videira "Sugraone" sob déficit hídrico Soil and leaf water potential of "Sugraone" grape under water deficit

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Lígia B. Marinho

    2011-11-01

    Full Text Available Propôs-se com este estudo conhecer a variação do potencial da água no solo e na folha da videira "Superior Seedless", tal como o crescimento da baga da uva sob diferentes condições de irrigação na fase de maturação da uva, na Fazenda Agrobrás Tropical do Brasil S/A, em Casa Nova, BA, em outubro de 2007. A videira foi irrigada nas épocas 21, 13 e 5 dias antes da colheita, com lâminas de 100, 50 e 0% da evapotranspiração da cultura e um tratamento adicional ("manejo do produtor". O potencial da água na folha e no solo foi aferido com a câmara de pressão e tensiômetros, respectivamente. O potencial da água da folha variou de -0,95 a -1,80 MPa, ao meio- dia e de -0,10 a -0,27 MPa, ao alvorecer. O potencial mátrico da água do solo atingiu valores de -5 a -79,5 kPa para os tratamentos menos e mais deficitários. O potencial da água na folha ao meio-dia sugere que, em alguns dias, o parreiral se encontrava sob estresse moderado e, em outros, sob estresse severo, independendo dos tratamentos de déficit hídrico. Ao alvorecer, o potencial indicou que as videiras estavam sob estresse suave ou em condições adequadas de manejo de água, mesmo a potencial matricial do solo elevado, em que não houve redução significativa no crescimento das bagas das uvas.This study aimed to measure the variation of soil and leaf water potential in the Sugraone (Superior Seedless grape, as well as the berry growth, under different irrigation conditions in the Fazenda Agrobrás Tropical do Brazil S/A, in Casa Nova, BA, in October, 2007 during maturation stage. The Superior Seedless cultivar was irrigated at 21, 13 e 5 days before harvest with water depths of 100, 50 e 0% of crop evapotranspiration (ETc and an additional treatment consisting of the farmer management. The results of leaf water potential using a pressure chamber and the respective soil matric potential from tensiometric readings are shown. Measurements of leaf water potential reached

  20. Desarrollo de yogurt con capacidad antioxidante elaborado con leche de cabra (Capra hircus y tomate de árbol (Cyphomandra betacea Sendtn.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Carlos Enrique Alvarado Carrasco

    2011-12-01

    Full Text Available El desarrollo de productos es el proceso secuencial de encontrar ideas para nuevos bienes y servicios, para convertirlas en productos comercialmente exitosos, seguros, beneficiosos para el consumidor y manufacturados de manera rentable. En el presente trabajo se siguieron todos los pasos de un Desarrollo Exploratorio en la elaboración de un yogurt a partir leche de cabra (Capra hircus, saborizado con una mermelada de tomate de árbol (Cyphomandra betacea Sendtn. para incrementar su capacidad antioxidante gracias a su contenido de polifenoles y otros componentes bioactivos. Se partió de un concepto de producto evaluado favorablemente por un grupo de consumidores y de criterios de formulación basados en la norma venezolana para yogurt COVENIN 2393:2001. La fórmula final seleccionada fue sometida a análisis físicos, químicos, microbiológicos y sensoriales para su caracterización. Los resultados corroboraron el cumplimiento de lo establecido en la norma. Se cuantificó su actividad antioxidante, mediante la prueba ‘oxigen radical absorbance capacity’, antes y después de la adición de la mermelada de tomate de árbol, encontrándose que la capacidad antioxidante del yogurt saborizado fue 71 % mayor que la del yogurt natural. Por tanto, la incorporación de la mermelada de tomate de árbol permite incrementar la capacidad antioxidante del yogurt de leche de cabra.

  1. Desarrollo de yogurt con capacidad antioxidante elaborado con leche de cabra (Capra hircus y tomate de árbol (Cyphomandra betacea Sendtn.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Carlos Enrique Alvarado Carrasco

    2011-01-01

    Full Text Available El desarrollo de productos es el proceso secuencial de encontrar ideas para nuevos bienes y servicios, para convertirlas en productos comercialmente exitosos, seguros, beneficiosos para el consumidor y manufacturados de manera rentable. En el presente trabajo se siguieron todos los pasos de un Desarrollo Exploratorio en la elaboración de un yogurt a partir leche de cabra (Capra hircus, saborizado con una mermelada de tomate de árbol (Cyphomandra betacea Sendtn. para incrementar su capacidad antioxidante gracias a su contenido de polifenoles y otros componentes bioactivos. Se partió de un concepto de producto evaluado favorablemente por un grupo de consumidores y de criterios de formulación basados en la norma venezolana para yogurt COVENIN 2393:2001. La fórmula final seleccionada fue sometida a análisis físicos, químicos, microbiológicos y sensoriales para su caracterización. Los resultados corroboraron el cumplimiento de lo establecido en la norma. Se cuantificó su actividad antioxidante, mediante la prueba ‘oxigen radical absorbance capacity’, antes y después de la adición de la mermelada de tomate de árbol, encontrándose que la capacidad antioxidante del yogurt saborizado fue 71 % mayor que la del yogurt natural. Por tanto, la incorporación de la mermelada de tomate de árbol permite incrementar la capacidad antioxidante del yogurt de leche de cabra.

  2. Influência da adubação silicatada no teor de clorofila em folhas de roseira Influence of silicate fertilization on chlorophylls of rose leaves

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marco Locarno

    2011-04-01

    Full Text Available A realização de estudo da adubação silicatada em roseiras é justificada com o intuito de reduzir o número de aplicações de defensivos agrícolas, podendo aumentar a produtividade e a qualidade dos botões florais na colheita e pós-colheita. A absorção de silício difere entre as espécies vegetais. Há evidências de que o envolvimento dos silicatos na indução de resistência pode ocorrer pela participação do próprio silício, fortificando estruturas da parede celular, conferindo aumento da lignificação. Baseando nos benefícios desse elemento, realizou-se o experimento para avaliar o efeito da adubação silicatada no teor de clorofila, em folhas de roseiras. O experimento foi instalado em casa de vegetação, em chácara comercial de produção de rosas, da variedade Versília®. Os tratamentos testados consistiram da aplicação de silício utilizando-se como fonte o silicato de potássio, acrescido ou não de fosfito. Utilizaram-se 4 doses de silício: 0, 427,5; 855 e 1282,5 mg L-1, que corresponde a 0; 0,25; 0,5 e 0,75% na calda de pulverização. O delineamento utilizado foi em blocos casualizados, em esquema fatorial (2x4. As aplicações das doses 0,25 e 0,50% de silicato de potássio na calda foliar em roseira influenciaram os teores de clorofila a, b e clorofila total das folhas, proporcionando maiores teores em comparação com os demais tratamentos.The study of silicate fertilization in crop roses is justified with the purpose of reducing the use of defensives, increasing yield, and enhancing the quality of stem flowers in harvest and postharvest. The uptake of silicon is different among species. There is evidence that silicates involved in resistance induction can occur with the participation of silicon itself, reinforcing cellular wall (apoplast structures and increasing lignification. Based on the benefits of this element, an assay was carried out to evaluate the effect of silicate fertilization on the

  3. Hemaglutinina de folhas de mandioca (Manihot esculenta Crantz: purificação parcial e toxicidade Hemaglutinin of cassava leaves (Manihot esculenta Crantz: partial purification and toxicity

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Chrystian Araujo Pereira

    2008-06-01

    Full Text Available Um dos componentes da multimistura para suplementação alimentar de populações carentes é a farinha de folhas de mandioca (FFM que possui elevado conteúdo em proteínas, vitaminas e minerais. Todavia, as folhas de mandioca também apresentam substâncias antinutritivas e/ou tóxicas, como cianeto, polifenóis, nitrato, ácido oxálico, hemaglutinina, saponinas e inibidores de tripsina. Objetivou-se neste trabalho extrair as proteínas da FFM, purificando-as em coluna cromatográfica e determinar sua atividade hemaglutinante e toxicidade. Foram testadas várias estratégias de extração e precipitação das proteínas, sendo que o maior teor protéico e atividade hemaglutinante foi obtido na extração com água destilada na proporção 1:20 (p/v seguida da precipitação com sulfato de amônio a 80% de saturação. As proteínas precipitadas foram purificadas em coluna Q-Sepharose. Das quatro frações obtidas na purificação (I, II, III e IV, a I e a II apresentaram maiores atividades hemaglutinantes. As mesmas frações foram injetadas via intraperitoneal em camundongos com doses de 2mg (fração I, 3mg (fração II, 54mg (fração III e 52mg (fração IV para cada animal com 20g de peso médio, não sendo observadas mortes ou quaisquer efeitos adversos após 120h.One of the components of the multimixture to the feed supplementation of low-income populations is cassava leaf flour (FFM, with high content of proteins, vitamins and minerals. However, cassava leaves also present substance regarded as antinutritive and/or toxic, such as cyanide, polyphenols, nitrate, oxalic acid, hemagglutinin, saponins and trypsin inhibitors. The aim of this work was to extract proteins from FFM, purifying them in chromatographic column and determine their hemagglutinating activity and toxicity. A number of strategies of extraction and precipitation of proteins were tested; the highest protein content and hemagglutinating activity were obtained in the

  4. Experimental intoxication by the leaves of Melia azedarach (Meliaceae in cattle Intoxicação experimental pelas folhas de Melia azedarach (Meliaceae em bovinos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria del Carmen Méndez

    2002-01-01

    Full Text Available Green leaves of Melia azedarach were administered at single doses ranging from 5 to 30 g/kg bw to 11 calves. Clinical signs were depression, ruminal stasis, dry feces with blood, ataxia, muscle tremors, sternal recumbency, hypothermia and abdominal pain. Serum AST and CPK were increased. Signs appeared from 8 to 24 hours after dosing, and the clinical course lasted from 2 to 72 hours. Three calves dosed with 30g/kg bw died. The macroscopic findings included intestinal congestion, yellow discoloration of the liver, brain congestion and dry feces with blood in the rectum. The liver showed swollen and vacuolated hepatocytes. Necrotic hepatocytes were scattered throughout the parenchyma or concentrated in the periacinar zone. Degenerative and necrotic changes were observed in the epithelium of the forestomachs. There was also necrosis of the lymphoid tissue. Skeletal muscles showed hyaline degeneration and fiber necrosis. The necrotic fragments contained floccular or granular debris with infiltration by macrophages and satellite cells.Folhas verdes de Melia azedarach foram administradas em dose única a 11 bovinos nas doses de 5 a 30g/kg de peso vivo. Os sinais clínicos caracterizaram-se por depressão, atonia ruminal, fezes duras com sangue, incoordenação, tremores musculares, decúbito esternal, hipotermia e dores abdominais. Os níveis séricos de AST e CPK estavam aumentados. O aparecimento dos sinais clínicos foi observado entre 8-24 horas após a ingestão das folhas e o curso clínico durou entre 2 e 72 horas. Três animais que receberam 30g/kg morreram. Os achados macroscópicos caracterizaram-se por congestão dos intestinos e do cérebro, fígado amarelado e presença de fezes duras com sangue no reto. Os hepatócitos estavam tumefeitos e com vacuolização citoplasmática. Observaram-se hepatócitos necróticos distribuídos no parênquima ou próximos à veia centrolobular. Lesões degenerativas e necróticas foram observadas no epit

  5. A certain East: the characterization of palestinians and israelis in the photographic coverage of the Folha de S. Paulo Um certo Oriente: a caracterização de palestinos e israelenses na cobertura fotográfica da Folha de S. Paulo

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Regina Krauss

    2012-05-01

    Full Text Available The aim of this paper is to present an image analysis of photographic coverage on the conflict between palestinians and israelis through the covers of Folha de S. Paulo in five periods of dispute intensification: from 1947 up to 1948, establishment of the State of Israel, 1967, the Six Day War with Gaza and West Bank Israeli occupation, from 1987 up to 1988, the beginning of the first Palestinian Intifada, from 2000 to 2004, second Intifada and finally december 2008 to january 2009, when occured the largest israeli attack on palestine. The paper considers the characterization of the two sides involved from the schemes of representation chosen in each period, using as supportthe theoretical concepts of the image and the Bystrina semiotics of culture to understand how it produces the representation of otherness in the opposition West versus East. Relate the changes in the field of representation, starting from the official photographic information in the first decades, until a strategy of emotional appeal and strongly linked to spectacularization and mythologizing of the characters researched in recent years.Este trabalho apresenta a análise da cobertura imagética do conflito entre palestinos e israelenses nas capas da Folha de S. Paulo em cinco períodos de recrudescimento do litígio: 1947 a 1948, estabelecimento do Estado de Israel; 1967, Guerra dos Seis Dias e ocupação israelense da Faixa de Gaza e Cisjordânia; 1987 a 1988, início da primeira Intifada palestina; 2000 a 2004, segunda Intifada e dezembro de 2008 a janeiro de 2009, período do maior ataque israelense ao território palestino. A partir dos esquemas de representação escolhidos pelo veículo em cada período, atenta para a caracterização dos lados envolvidos utilizando como subsídio os conceitos de teóricos da imagem e a semiótica da cultura de Bystrina, além das noções de estereótipo e arquétipo para compreender de que modo se elabora a construção da alteridade

  6. PENGELOLAAN DAS CITARUM BERKELANJUTAN

    OpenAIRE

    kurniasih, nia

    2011-01-01

    Sungai citarum merupakan sungai utama di DAS Citarum yang dimanfaatkan untuk berbagai keperluan, tidak hanya digunakan oleh 7 kabupaten dan 2 Kota di Jawa Barat tetapi juga sebagai sumber air baku air minum Kota Jakarta. Penurunan kualitas maupun kuantitas Sungai Citarum sudah sangat memprihatinkan, kondisi tersebut diakibatkan oleh kesadaran masyarakat dan pemerintah yang belu optimal. Peraturan-peraturan Pemerintah sudah ada tetapi pelaksanaan dilapangan belum maksimal dibarengi penegakan h...

  7. Das DNA-Puzzle

    Science.gov (United States)

    Kirchner, Stefan

    Im Jahre 1953 wurde von James Watson und Francis Crick erstmalig der strukturelle Aufbau der sogenannten DNA (Desoxyribonukleinsäure) beschrieben, welche das Erbgut jedes Lebewesens enthält. Der wesentliche Teil des Erbguts wird dabei durch eine sehr lange Folge der vier Basen Adenin (A), Cytosin (C), Guanin (G) und Thymin (T) codiert. Seit einigen Jahren ist es möglich, die Folge der vier Basen zu einer gegebenen DNA zu bestimmen. Biologen bezeichnen diesen Vorgang als Sequenzierung.

  8. ILUSTRANDO: O LIVRO EM VITRINE E O QUE MAIS!?: O DISCURSO SOBRE O LIVRO E A CONSTRUÇÃO DE IMAGENS EM MATÉRIAS DA FOLHA DE S. PAULO

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luiz Augusto ELY

    2014-06-01

    Full Text Available • RESUMO: Este trabalho é resultado de nossa pesquisa em que investigamos os recursos quando se tem o objeto “livro” como fonte de notícia em matérias publicadas pelo jornal Folha de S. Paulo, veiculadas no mês de março de 2008 no caderno de variedades – Ilustrada – e no suplemento literário – Mais!. Assim, nos deparamos com uma diversidade de textos, compostos por gêneros discursivos característicos; entretanto, certos textos nos chamaram a atenção, pois, ainda que publicados como matérias de jornal, mais parecem textos literários, devido ao espaço em que são divulgados e, certamente, por conta do público a quem são destinados. Além disso, podemos conceber que os discursos representam o mundo e, assim, suas enunciações são parte integrante desse mundo representado, daí a associação entre essa concepção e a categoria de cena da enunciação. Desse modo, nos faremos valer dos conceitos de ethos e pathos, afinal, ainda que tenhamos dois cadernos de um mesmo jornal, estes periódicos são pensados tendo como público sujeitos distintos. E, ao considerar essas noções, pretenderemos apontar a construção de imagens de leitores na constituição das imagens dos cadernos analisados, bem como justificar essa abordagem distinta da Folha de S. Paulo ao se tomar o objeto “livro” como notícia. • PALAVRAS-CHAVE: Cena da enunciação. Discurso. Ethos. Livros. Pathos.

  9. A mídia e a educação científica: uma discussão sobre a cobertura da reforma do código florestal brasileiro pela Folha de S. Paulo

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Elizabeth Moraes Gonçalves

    2012-08-01

    Full Text Available O texto objetiva levar à reflexão sobre a importância do conhecimento científico para tomadas de decisões nos diferentes setores da sociedade, e sobre o compromisso da mídia em não restringir-se à cobertura factual, mas contribuir para o processo educacional. A reforma do Código Florestal brasileiro recebeu em 2011 atenção tanto no Congresso Nacional quanto na mídia. Deputados brasileiros aprovaram a proposta que prevê a ampliação do desmatamento sem ouvir os cientistas a respeito. A medida prejudica a meta brasileira de controle das emissões de gases que acentuam o efeito estufa. O jornal Folha de S.Paulo defendeu, em editoriais, a alteração da legislação e somente opinou a favor da manifestação dos cientistas depois que a medida tinha sido aprovada. A sociedade ficou à margem dessa discussão, pois não se construiu um conhecimento científico capaz de propiciar um entendimento sobre o significado de tal reforma e as consequências ambientais que afetam diretamente a vida no planeta. Este artigo analisa a cobertura da Folha de S.Paulo acerca dessa reforma do Código Florestal brasileiro do ponto de vista da Análise do Discurso e conclui que o contrato de leitura entre jornal e leitores revelou-se inadequado, pois se esperava mais análise e reflexão de temas de tamanha importância.

  10. Avaliação da folha e do colmo de topo e base de perfilhos de três gramíneas forrageiras: 1. Digestibilidade in vitro e composição química

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Domingos Sávio Queiroz

    2000-02-01

    Full Text Available RESUMO - Foi avaliado o grau de correlação linear simples entre a digestibilidade in vitro da matéria seca (DIVMS e a composição química de lâminas e bainhas foliares e, do colmo, amostrados no topo e na base de perfilhos de capim-elefante (Pennisetum purpureum, cv. Mott, capim-setária (Setaria anceps, cv. Kazungula e capim-jaraguá (Hyparrhenia rufa, Nees Stapf . Os valores de DIVMS e os teores de proteína bruta (PB e parede celular (FDN exibiram gradiente ao longo do perfil do perfilho e diferença entre as frações do perfilho. As folhas situadas no topo do perfilho mostraram maior conteúdo de PB e digestibilidade, apesar dos mais altos teores de FDN, que as folhas situadas na base dos perfilhos. As lâminas foliares mostraram valores relativamente mais altos de DIVMS, PB e FDN que a bainha foliar. Nenhuma correlação foi observada entre os componentes químicos e a DIVMS da lâmina foliar do topo do perfilho. Apenas o teor de lignina apresentou correlação significativa (r = - 0,53 com a DIVMS, quando dados das lâminas foliares de topo e base do perfilho foram agrupados. Os teores de fibra em detergente neutro, fibra em detergente ácido, proteína bruta e lignina propiciaram correlações com a DIVMS da lâmina foliar de base, da bainha foliar e do colmo.

  11. Avaliação da folha e do colmo de topo e base de perfilhos de três gramíneas forrageiras: 1. Digestibilidade in vitro e composição química

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Queiroz Domingos Sávio

    2000-01-01

    Full Text Available RESUMO - Foi avaliado o grau de correlação linear simples entre a digestibilidade in vitro da matéria seca (DIVMS e a composição química de lâminas e bainhas foliares e, do colmo, amostrados no topo e na base de perfilhos de capim-elefante (Pennisetum purpureum, cv. Mott, capim-setária (Setaria anceps, cv. Kazungula e capim-jaraguá (Hyparrhenia rufa, Nees Stapf . Os valores de DIVMS e os teores de proteína bruta (PB e parede celular (FDN exibiram gradiente ao longo do perfil do perfilho e diferença entre as frações do perfilho. As folhas situadas no topo do perfilho mostraram maior conteúdo de PB e digestibilidade, apesar dos mais altos teores de FDN, que as folhas situadas na base dos perfilhos. As lâminas foliares mostraram valores relativamente mais altos de DIVMS, PB e FDN que a bainha foliar. Nenhuma correlação foi observada entre os componentes químicos e a DIVMS da lâmina foliar do topo do perfilho. Apenas o teor de lignina apresentou correlação significativa (r = - 0,53 com a DIVMS, quando dados das lâminas foliares de topo e base do perfilho foram agrupados. Os teores de fibra em detergente neutro, fibra em detergente ácido, proteína bruta e lignina propiciaram correlações com a DIVMS da lâmina foliar de base, da bainha foliar e do colmo.

  12. Antioxidant activity of rosemary and oregano ethanol extracts in soybean oil under thermal oxidation Ação antioxidante de extratos etanólicos de alecrim (Rosmarinus officinalis L. e orégano (Origanum vulgare L. em óleo de soja submetido à termoxidação

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    R.F. ALMEIDA-DORIA

    2000-08-01

    Full Text Available Four experiments were conducted to measure the antioxidant activity of ethanol extracts of rosemary and oregano compared with synthetic antioxidants such as TBHQ and BHA/BHT. The antioxidant activity was determined and results differed from those of the Oven test at 63º C. Peroxide values and absorptivities at 232 nm of soybean oil under Oven test were lower in treatments with 25, 50, 75, 100 and 200 mg.Kg-1 TBHQ than in treatments with 1000 mg.Kg-1 oregano extract (O, 500 mg.Kg-1 rosemary extract (R and their mixture R+O. All the treatments were effective in controlling the thermal oxidation of oils; the natural extracts were as effective as BHA+BHT and less effective than TBHQ. The natural extracts were mixed with 25, 50, 75 and 100 mg.Kg-1 TBHQ and then added to the oil. No improvement in antioxidative properties was observed. The best antioxidant concentration could be determined from polynomial regression and quadratic equation from the experimental data.Foram realizados quatro ensaios para verificação da atividade antioxidante de extratos etanólicos de alecrim (A e orégano (O comparados com os antioxidantes sintéticos TBHQ e BHA+BHT. Os resultados de atividade antioxidante do teste usando sistema modelo diferiram das respostas do teste acelerado em estufa. Nos ensaios em estufa os valores de peróxido e absortividade em 232nm dos óleos de soja, adicionados de 25, 50, 75, 100 e 200mg TBHQ. Kg-1, foram menores do que os dos óleos adicionados dos extratos de orégano (O (1000mg.Kg-1, de alecrim (A (500mg.Kg-1 ou da mistura deles (A + O. Todos os tratamentos retardaram a oxidação do óleo, entretanto os extratos naturais não atingiram a eficiência do TBHQ, mas foram tão efetivos quanto a mistura BHA+BHT. A adição dos extratos naturais a doses reduzidas de TBHQ não melhorou a eficiência em retardar a oxidação.

  13. Rendimento de óleo essencial e caracterização organoléptica de folhas de assa-peixe submetidas a diferentes métodos de secagem The essential oil yield and organoleptic leaves characteristics of “assa-peixe” under various dry methods

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ricardo Monteiro Corrêa

    2004-04-01

    Full Text Available O assa-peixe (Vernonia polyanthes é muito utilizado na medicina popular em casos de contusões, hemorróidas, infecções do útero e bronquite. Objetivou-se com o presente trabalho avaliar o rendimento de óleo essencial e caracterizar organolepticamente folhas de assa-peixe submetidas a diferentes métodos de secagem. Entre os métodos de secagem avaliados, a secagem natural à sombra, em secador solar e mista (sol e sombra foram os métodos que apresentaram maiores teores de óleo. O rendimento de matéria seca de folhas de assa-peixe, após os diferentes métodos de secagem, encontrou-se ao redor de 27,7 a 30,1%. Em todos os métodos de secagem, a cor predominante da face adaxial das folhas de assa-peixe conservou-se verde-escura e da face abaxial verde-clara. No tocante ao odor, observou-se que a secagem à sombra conservou melhor o aroma característico das folhas de V. polyanthes.“Assa-peixe” (Vernonia polyanthes is highly used in popular medicine in cases of contusion, hemorrhoid, uterus infections and bronchitis. This present work looked for to evaluate the essential oil yield and to characterize organolepticaly the “assa-peixe” leaves under various dry methods. Among the dry methods evaluated the natural dryness under shade, solar dryer and mixed method (sun and shade were the ones that showed higher oil contents. The yield of “assa-peixe” dry matter after those different dry methods was around 27.7 and 30.1%. In all dry methods the predominant colour of adaxial face of “assa-peixe” leaves remained dark green and abaxial face showed light green. It could also be observed that the dryness under shade kept better the characteristic aroma of V. polyanthes leaves.

  14. Produção de casulos de Bombyx mori L. alimentados com dietas artificiais e folhas “in natura” de Morus aba L. Production of cocoon of Bombyx mori L. fed on leaves of Morus aba L. and on artificial diets

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Adriana Evangelista Rodrigues

    2001-05-01

    Full Text Available A utilização de dietas artificiais no Japão já é uma realidade, e no Brasil iniciam-se os estudos buscando encontrar um balanceamento que satisfaça as necessidades das larvas do bicho-da-seda, Bombyx mori (Lepidoptera. Desta forma, foram testados dois cultivares de amoreira como ingredientes das dietas, avaliando-se a qualidade do alimento, através do peso médio dos casulos e teor líquido de seda. As larvas foram separadas em parcelas, no início do 1º ínstar, onde já começaram a receber as dietas artificiais e as folhas “in natura”. Quando as larvas receberam folhas “in natura”, ao longo dos ínstares, apresentaram valores superiores para peso dos casulos. Por outro lado, quando receberam dietas artificiais, nos dois ínstares iniciais, não apresentaram diferença significativa para teor líquido de seda, quando comparadas com folhas “in natura”. Por fim, observou-se que a variedade Miura é melhor tanto como folha “in natura”, quanto como dieta artificial para peso de casulos.The utilization of artificial diets in Japan is fact and in Brazil the work is beginning to search meeting a balance form to satisfy the silkworm necessity, Bombyx mori (Lepidoptera. In such case, was tested two cultivars of mulberry in diets, to evaluate the quality of food trough mean cocoon weight and liquid silk. The larvae were separated in portion in the first instar begin and were to feed with diets and leaves “in nature”. When the silkworms were fed with leaves during five instars, showed cocoon weight high. When were fed diets in two inicial instars, showed that the silk liquid was good. The Miura variety is better in diets and leaves “in nature” for coccon weight.

  15. Efeito antioxidante da buspirona no modelo de epilepsia induzida por pilocarpina

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Paula Benvindo Ferreira

    2012-01-01

    Full Text Available CONTEXTO: Crises epilépticas induzidas por pilocarpina podem produzir alterações histopatológicas em muitas regiões cerebrais como consequência da produção excessiva de radicais livres. OBJETIVO: O objetivo do presente estudo foi avaliar o efeito antioxidante da buspirona no modelo de epilepsia induzida por pilocarpina. MATERIAL E MÉTODOS: Quarenta e oito animais foram divididos em quatro grupos. O primeiro grupo foi tratado com solução salina 0,9% (Controle. O segundo grupo foi tratado com pilocarpina 400 mg/kg (P400. Por sua vez, o terceiro grupo foi tratado com buspirona 5 mg/kg (BUSP durante 14 dias consecutivos. Já os animais do quarto grupo foram tratados com buspirona durante 14 dias consecutivos, e, 30 minutos após a última administração dela, os camundongos receberam P400 (BUSP + P400. RESULTADOS: Durante o período do tratamento não se observaram sinais de toxicidade e nenhuma morte entre os animais tratados com buspirona. Em nosso estudo o grupo tratado com P400 demonstrou um aumento significativo da produção de nitrito e nos níveis de peroxidação lipídica após as crises epilépticas. Por outro lado, no hipocampo dos animais que receberam o pré-tratamento com buspirona e após 30 minutos receberam P400, foi observada redução significativa nos níveis de peroxidação lipídica (65% e nitrito (85%, bem como aumento na atividade da enzima superóxido dismutase. CONCLUSÃO: O pré-tratamento com BUSP aumentou a latência para primeira crise epiléptica e diminuiu a taxa de mortalidade e o número de animais que apresentaram crise epiléptica e que progridem para o estado de mal epiléptico. Além disso, apresentou efeitos anticonvulsivantes associados com a redução do estresse oxidativo hipocampal no modelo de epilepsia induzida por pilocarpina.

  16. Composição mineral da folha em abacaxizeiro: efeito da parte da folha analisada Mineral composition of the leaf in pineapple: effect of the part of the analysed leaf

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    SUSANA CRISTINE SIEBENEICHLER

    2002-04-01

    Full Text Available A padronização da amostragem para a análise foliar em abacaxizeiros é importante para a obtenção de resultados confiáveis. Neste aspecto, este trabalho visa a esclarecer a variação da composição mineral da folha de abacaxi, em plantas desenvolvidas em solo arenoso, sem irrigação. As folhas foram coletadas, limpas e divididas em 4 porções: aclorofilada, basal, mediana e apical. Após a secagem, as amostras foram pesadas, submetidas à digestão e analisadas pela metodologia adequada a cada nutriente. Uma grande variação no teor dos nutrientes foi encontrada ao longo da folha de abacaxi. Uma comparação confiável pode ser estabelecida entre as análises feitas com a folha inteira e a porção clorofilada da folha; o mesmo já não pode ser dito para a porção aclorofilada. Assim, este trabalho vem confirmar a necessidade da padronização da amostragem.The standardization of the sampling for foliar analysis in pineapple is important to obtain reliable results. In this aspect this work seeks to identify the variation of the mineral composition of pineapple leaf, in plants developed in sandy soil, without irrigation. The leaves were collected, cleaned and divided in 4 parts: non-chlorophyllated, basal, medium and apical. After the drying, the samples were weighted, digested, and analyzed by the appropriate methodology for each nutrient. A great variation in the concentration of the nutrients was found along the pineapple leaf. A reliable comparison of the analysis can be established between the whole leaf and the chlorophyllated portion of the leaf; the same does not apply to the non-chlorophyllated portion of the same leaf. This paper confirms the need of the standardization of leaf sampling for mineral composition evaluation.

  17. Caracteres morfoanatômicos de folha e caule de Cupania vernalis Cambess., Sapindaceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Sílvia Raquel Mundo

    Full Text Available Cupania vernalis Cambess. é uma espécie arbórea da família Sapindaceae, comumente referida como "camboatã" e empregada na medicina popular contra asma, tosses convulsivas e como antiinflamatório, febrífugo e tônico. O presente trabalho procurou contribuir para a identificação morfoanatômica dos órgãos vegetativos aéreos dessa planta medicinal com fins farmacognósticos. O material botânico foi fixado, seccionado, corado por meio de técnicas usuais ou submetido a testes microquímicos, além de ser processado para a realização de análises em MEV. A espécie apresenta folhas compostas paripinadas, epiderme foliar uniestratificada constituída de células relativamente maiores na face adaxial, mesofilo dorsiventral e diversos feixes vasculares colaterais em arranjo cêntrico na nervura central. No caule, visualizam-se o cilindro floemático externo ao xilemático, circundado por bainha esclerenquimática, e a presença de fibras e células pétreas no córtex e na medula. Em ambos os órgãos são observados tricomas tectores e cristais de oxalato de cálcio.

  18. MiDAS

    DEFF Research Database (Denmark)

    McIlroy, Simon Jon; Kirkegaard, Rasmus Hansen; McIlroy, Bianca

    A deep understanding of the microbial communities and dynamics in wastewater treatment systems is a powerful tool for process optimization and design (Rittmann et al., 2006). With the advent of amplicon sequencing of the 16S rRNA gene, the diversity within the microbial communities can now...... web platform about the microbes in activated sludge and their associated ADs. The MiDAS taxonomy proposes putative names for each genus-level-taxon that can be used as a common vocabulary for all researchers in the field....

  19. Evaluación de propiedades antioxidantes y fisicoquímicas de una bebida mixta durante almacenamiento refrigerado

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Margareth Santander-M

    2017-06-01

    Full Text Available En la actualidad, los consumidores tienden a adquirir alimentos funcionales, los cuales satisfacen los requerimientos nutricionales y adicionalmente aportan beneficios a la salud. El creciente interés en el estudio de bebidas con estas características ha contribuido al desarrollo de productos elaborados a partir de la mezcla de leche y frutas. El objetivo de esta investigación fue evaluar una bebida mixta de leche UHT descremada con pulpa de tomate de árbol, analizando sus características antioxidantes y fisicoquímicas, mediante la determinación del contenido de ácido ascórbico, compuestos fenólicos, carotenoides y su estabilidad durante el almacenamiento bajo refrigeración. La capacidad antioxidante se estudió a través del método DPPH, el ácido ascórbico y los carotenoides fueron analizados mediante cromatografía líquida de alto rendimiento y se empleó el método de Folin-Ciocalteu para determinar fenoles totales en la bebida. Se encontró que la bebida mixta presentó compuestos bioactivos reconocidos por sus propiedades funcionales. Durante las primeras dos semanas de almacenamiento refrigerado se observó una disminución significativa (P<0,05 del contenido de compuestos bioactivos. Hubo una reducción en el contenido de fenoles totales de 33,150±2,020 a 21,467±1,360mg equivalentes de ácido gálico (GAE/100mL, al igual que en la concentración de ácido ascórbico de 12,967±0,603 a 5,167±0,321mg/100mL y en el de β-caroteno de 243,00±5,66 a 146,50±2,12μg/100mL, lo cual se reflejó en la disminución de la capacidad antioxidante de la bebida en un rango de 3,450±0,041 a 1,581±0,025 de Trolox mmol/L. El pH y los sólidos solubles totales se mantuvieron constantes, mientras que la acidez aumentó significativamente durante la primera semana de almacenamiento.

  20. Mortadella sausage formulations with mechanically separated layer hen meat preblended with antioxidants Mortadela elaborada com cms de galinhas poedeiras pré-misturada com antioxidantes

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marco Antonio Trindade

    2006-06-01

    Full Text Available At the end of the laying cycle, layer hens can be used for production of mechanically separated meat (MSML for sausage manufacture. However, mechanically separated meats are susceptible to lipid and pigment oxidation during storage, problems that could be prevented by the use of antioxidants present in curing additives traditionally used in meat processing. The objective of this work was to evaluate the quality and stability of Mortadella produced with MSML added of sodium erythorbate (1000 ppm and sodium nitrite (150 ppm through preblending or during chopper processing (control treatment, after long term frozen storage of raw meat ingredient. The products were stored for 40 days at 7ºC and evaluated in regard to the oxidative stability of lipids (TBARS values, objective color, and microbiological and sensory attributes. Preblending MSML lessened rancidity of the final product in comparison to the control (0.2 and 2.2 mg malonaldehyde per kg, respectively, and elicited better color (a* = 7.5 and 10.5, respectively. Total counts of psychrotrophic microorganisms were similar for both treatments (2 log CFU g-1. Previous blending of nitrite (150 ppm and erythorbate (1000 ppm in mechanically separated meat soon after the extraction is recommended when the raw material will eventually go through prolonged frozen storage before its use in Mortadella sausage processing.Uma das formas de utilização das galinhas poedeiras ao final do ciclo de postura é a obtenção de carne mecanicamente separada (MSML para a elaboração de embutidos. Entretanto, carnes mecanicamente separadas apresentam alta susceptibilidade à oxidação lipídica e dos pigmentos. O uso de antioxidantes tradicionalmente utilizados na cura de carne para incorporação prévia à matéria prima poderia evitar estes problemas. Assim, o objetivo deste trabalho foi avaliar a qualidade e a estabilidade de mortadelas elaboradas com MSML com adição de eritorbato (1000 ppm e nitrito (150

  1. Condutância estomática em folhas de feijoeiro submetido a diferentes regimes de irrigação Stomatal conductance in leaves of bean plants submitted to different irrigation regimes

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Auricleia S. Paiva

    2005-04-01

    Full Text Available O controle estomático é importante propriedade fisiológica por meio da qual as plantas limitam a perda de água, ocasionando reduções na condutância estomática e, geralmente, reduzindo as trocas gasosas como forma de resposta das plantas a diversos fatores, incluindo o estresse hídrico. O objetivo deste trabalho foi determinar a condutância estomática em folhas de feijoeiro submetido a diferentes regimes de irrigação. O experimento foi conduzido no Departamento de Engenharia Rural da Faculdade de Ciências Agrárias e Veterinárias de Jaboticabal - SP. As irrigações nos tratamentos foram determinadas em função do esgotamento de água no solo: T1 - irrigado quando esse atingiu 40% da capacidade de água disponível (CAD; T2 - quando atingiu 60% da CAD; T3 - quando atingiu 80% da CAD, e T4 - não irrigado (irrigado somente para favorecer a emergência das plântulas. As medições de condutância estomática foram realizadas diariamente no campo, nas duas faces da folha, utilizando-se de um porômetro. Em todos os tratamentos, em diversas medições, foi observada redução da condutância estomática em resposta a baixos valores de potencial mátrico e a altos valores de déficit de pressão de vapor e vice-versa. As folhas das plantas do tratamento T4, que foram submetidas a menor disponibilidade hídrica no solo, apresentaram os menores valores de condutância estomática durante os estádios do florescimento e enchimento de grãos.Stomatal control is an important physiological process for plants to reduce water loss. It causes reduction in stomatal conductance and generally in gas exchanges, as a response of several factors including water stress. The objective of this study was to determine the stomatal conductance of bean leaves submitted to different irrigation regimes. Field experiment was conducted at the São Paulo State University, in Jaboticabal, Brazil. Irrigation of the treatments occurred when available water

  2. Variação sazonal do potencial da água nas folhas de cafeeiro em Mococa, SP Seasonal changes in coffee leaf water potential in Mococa, São Paulo State, Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Emilio Seigui Kobayashi

    2008-01-01

    Full Text Available Para avaliar o potencial da água nas plantas de Coffea arabica L., foi desenvolvido um experimento em Mococa (SP, de agosto de 2005 a julho de 2006, com as cultivares Mundo Novo (MN, Obatã (OB e Ouro-Verde (OV. As cultivares OB e OV tinham oito anos de idade, e as plantas do MN haviam sido recepadas há cinco anos. Os espaçamentos entre as plantas de MN, OB e OV foram de 3,6 x 1,0 m; 2,5 x 1,0 m e 3,5 x 0,74 m respectivamente. As avaliações dos potenciais da água das plantas na antemanhã (ψam foram realizadas a cada duas semanas. O potencial da água na folha durante o período diurno (ψa foi medido no final de abril. Os dados de ψam na folha variaram em função da quantidade de água no solo, com as oscilações decorrentes da precipitação pluvial sazonal. Os valores de ψam foram de -1,29; -1,60 e -1,68 MPa nos meses de estiagem e -0,06; -0,07 e -0,07 MPa nos meses de maiores precipitações para MN, OB e OV respectivamente. Esses valores são importantes para caracterizar o estado hídrico das folhas do cafeeiro ao longo do ano agrícola, visto que o período de estresse hídrico coincidiu com a fase de indução (fevereiro a junho e maturação das gemas florais, bem como o período de maiores volumes de precipitação pluvial com a granação e maturação dos frutos.In order to assess the xylem water potential in Coffea arabica L. plants, a field experiment was carried out in Mococa, São Paulo State, Brazil, from August 2005 to July 2006 with the following cultivars: Mundo Novo (MN, Obatã (OB and Ouro-Verde (OV. The OB and OV cultivars were eight years old, and MN plants had been topped five years ago. Spacing among the plants were 3.6 x 1.0 m, 2.5 x 1.0 m and 3.5 x 0.75 m, respectively. Predawn leaf water potential (ψam was measured each 15 days. Xylem water potential along the day (ψa was measured at the end of April. Data concerning leaf ψam varied according to the soil water profile as affect by seasonal rainfall.

  3. Das ATHENA-Projekt: [

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Passenheim, Renate

    2006-02-01

    Full Text Available [english] Since the winter semester of 2002/03, the Medical Faculty of the University of Heidelberg has been using the electronic learning environment ATHENA. It is the "virtual bulletin board" for the exchange and provision of information on the study of medicine within the faculty. Since 2004/05, the platform has been operated using the open source system LRN. The system is used with the focus on document management. The use of the interactive learning contents and programme takes place as a web-based support of the required attendance classes and independent study. The tools available on the platform are used within the departments for the integration of computer-assisted examination concepts, and the conducting of online course evaluations. [german] Seit dem Wintersemester 2002/03 setzt die Medizinische Fakultät Heidelberg die elektronische Lernumgebung ATHENA ein. Sie ist das "Virtuelle Schwarze Brett" für den Austausch und die Bereitstellung von Informationen zum Medizinstudium an der Fakultät. Seit 2004/05 wird die Plattform mit dem Open-Source-System .LRN betrieben. Das System wird eingesetzt mit dem Schwerpunkt der Kurs- und Dokumentenverwaltung. Die Nutzung der interaktiven Lerninhalte und -programme erfolgt als webbasierte Unterstützung der Präsenzveranstaltungen sowie im Selbststudium. Die in der Plattform verfügbaren Tools werden in den Fachbereichen zur Integration computerunterstützter Prüfungskonzepte sowie zur Durchführung von Online-Kursevaluationen eingesetzt.

  4. Checklist das espécies de Lauxaniidae (Insecta, Diptera do estado do Mato Grosso do Sul

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Vera Cristina Silva

    Full Text Available RESUMO Lauxaniidae é uma das maiores famílias de Diptera Schizophora, com distribuição mundial, muito abundante nas áreas tropicais. A família está composta por cerca de 1.550 espécies. Os adultos apresentam o corpo pequeno a relativamente grande (2-11 mm, com coloração variada, muitas vezes com marcas, manchas, listras ou padrões reticulados. As larvas são conhecidas como saprófagas, alimentando-se em uma variedade de matéria vegetal em decomposição e mesmo em capítulos de flores. Adultos são raspadores de fungos em folhas. A fauna brasileira de Lauxaniidae compreende, até o momento, 74 espécies das quais 8 possuem registro assinalado para o estado do Mato Grosso do Sul.

  5. Potencial alelopático de duas neolignanas isoladas de folhas de Virola surinamensis (Myristicaceae Allelopathy potential of two neolignans isolated from Virola surinamensis (Myristicaceae leaves

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    F.C. Borges

    2007-03-01

    Full Text Available Este trabalho teve por objetivos isolar, identificar e caracterizar a atividade alelopática de substâncias químicas presentes nas folhas de Virola surinamensis. O processo de isolamento e identificação das substâncias químicas envolveu o uso de solventes orgânicos e de Ressonância Magnética Nuclear (RMN ¹H, RMN 13C e RMN 13C-DEPT, espectro de COSY e de HETCOR. A avaliação da atividade alelopática foi realizada em bioensaios de germinação de sementes, em condições de 25 ºC de temperatura constante e fotoperíodo de 12 horas, e de desenvolvimento da radícula e do hipocótilo, com 25 ºC de temperatura constante e fotoperíodo de 24 horas, empregando-se concentrações variando de 1,0 a 8,0 mg L-1. Como plantas receptoras, foram utilizadas as espécies daninhas Mimosa pudica, Senna obtusifolia e Senna occidentalis. Foram isoladas e identificadas duas neolignanas: a surinamensina e a virolina. A tendência geral observada nos resultados foi de aumento da intensidade dos efeitos alelopáticos inibitórios em função do aumento da concentração, com inibições máximas obtidas, sempre, na concentração de 8,0 mg L-1. A surinamensina apresentou maior potencial para inibir a germinação e o desenvolvimento da radícula e do hipocótilo do que a virolina, independentemente da espécie receptora e do fator da planta analisado. Considerando-se as intensidades dos efeitos promovidos sobre os três fatores das plantas, o desenvolvimento da radícula e o do hipocótilo foram mais intensamente inibidos pelas duas substâncias do que a germinação das sementes. À exceção dos efeitos verificados sobre o desenvolvimento do hipocótilo, malícia foi a espécie de maior sensibilidade aos efeitos alelopáticos das duas neolignanas, enquanto mata-pasto foi aquela que evidenciou inibições de menor magnitude.The objective of this research was to isolate, identify and characterize the allelopathic activity of chemical compounds in Virola

  6. Efeito do cozimento sobre alguns fatores antinutricionais em folhas de brócoli, couve- flor e couve Effect of boiling on contents of antinutritional factors in leaves of broccoli, cauliflower and cabbage

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Mônica Alessandra Teixeira dos Santos

    2006-04-01

    Full Text Available Os resíduos vegetais desprezados pela indústria e durante o preparo dos alimentos poderiam ser utilizados como fontes alternativas de nutrientes contribuindo para o enriquecimento da dieta das populações carentes. Por outro lado, muitos alimentos vegetais são fontes de fatores antinutricionais que interferem na digestão ou absorção de nutrientes. Determinou-se os teores de polifenóis, nitrato e ácido oxálico de folhas de brócoli, couve-flor e couve submetidas à cocção por seis diferentes tempos (0, 2, 4, 6, 8 e 10 minutos. Verificou-se queda nos teores de fatores antinutricionais com o aumento do tempo de cozimento, mostrando-se aceitáveis para o consumo. No entanto, os tratamentos utilizados não foram suficientes para reduzir os teores de polifenóis das folhas de brócoli e couve a valores considerados adequados ao consumo humano, sugerindo a utilização conjunta de outra metodologia para a redução dos polifenóis presentes nesses vegetais.The vegetable residues despised from the industry and during the food preparation might be used as an alternative nutrient source that provides poor people a richer diet. Otherwise, many vegetables are source of antinutritional factors that might influence in the digest or in the nutrients absorption. As the purpose to determining the contents of poliphenols, oxalic acid and nitrate in leaves of broccoli, cauliflower and cabbage, they were submitted to cooking in six different times (0, 2, 4, 6, 8 and 10 minutes. The results showed that the antinutritional factors dropped with the increase of the cooking time, being acceptable for the consumption. However, the treatments were not enought to decrease the contents of poliphenols in leaves of broccoli and cabbage considering values to the human consumption. Thus, it had better to use another methodology to decrease the level of polyphenols in the vegetables.

  7. Adaptações anatômicas em folhas de marmeleiro e velame da caatinga brasileira Anatomical adaptations in leaves of the quince and velame of the Brazilian caatinga

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ileane Oliveira Barros

    2013-03-01

    Full Text Available A disponibilidade de água é o principal fator limitante para as espécies vegetais em ambientes áridos e semiáridos. Nessas plantas, uma combinação de características contribui para a economia hídrica, entre elas as anatômicas. Assim, estudos em folhas de marmeleiro (Croton blanchetianus e velame (Croton heliotropiifolius, duas espécies comuns na caatinga e de importância apícola, foram realizados para verificar as características anatômicas adaptativas relacionadas à maior eficiência na utilização de água. As folhas de ambas as espécies possuem indumento denso, parede das células basais dos tricomas impregnadas com lipídios e compostos fenólicos nas células epidérmicas e parenquimáticas. Em plantas de ambientes áridos, os tricomas podem ajudar a reduzir o aquecimento e a transpiração foliar e também impedir o fluxo apoplástico da água devido à presença de lipídios nas paredes das células basais. Estas características anatômicas podem atuar na economia hídrica e ser, desta maneira, consideradas adaptações às condições de semiaridez da caatinga.Water availability is the main limiting factor for plants in arid and semi-arid environments. In these plants, a combination of characteristics contributes to water economy, among them being anatomical features. Thus, studies in leaves of the quince (Croton blanchetianus and the velame (Croton heliotropiifolius, two common species in the caatinga and of importance in beekeeping, were performed to verify adaptive anatomical characteristics which are related to a greater efficiency in water usage. The leaves of both species have a dense indumentum, the basal-cell walls of the trichomes are impregnated with lipids, and phenolic compounds are found in the epidermal and parenchymal cells. In plants from arid environments, the trichomes can help reduce heating and leaf transpiration and also prevent the apoplastic flow of water due to the presence of lipids in the

  8. Das Reflektierende Team

    DEFF Research Database (Denmark)

    Gaarden, Marianne; Lorensen, Marlene Ringgaard

    2015-01-01

    Jüngere empirische Forschung dazu, wie Predigthörende Predigten wahrnehmen und mit ihnen interagieren, deutet darauf hin, dass Predigende als Gesprächspartner und als theologischer Spiegel der Gemeinde wahrgenommen werden. Die Gemeinde gelangt im Dialog mit den Worten der Predigt zu eigenen...... Bedeutungszuschreibungen. Marianne Gaardens Forschung zeigt, dass zwischen Predigenden und Hörenden ein ›dritter Raum‹ entsteht, wie sie das nennt. Dabei handelt es sich um einen liminalen, rituell konturierten Raum, in dem Hörende Predigtelemente rezipieren und in ihre eigenen gelebten Erfahrungen einbauen. Komplementär...... die Wahrnehmung der Predigt als eines dialogischen Geschehens – und zwar von der Predigtvorbereitung über die Interaktion mit Hörenden und anschließende Rückmeldungen bis hin zu Umarbeitungen und Überlegungen für die nächsten Predigt. Die Methode geht davon aus, dass einzelne Subjekte Teil einer...

  9. Atividade antioxidante de frutas do cerrado Antioxidant activity of cerrado fruits

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Roberta Roesler

    2007-03-01

    Full Text Available Annona crassiflora (araticum, Solanum lycocarpum (lobeira, Eugenia dysenterica (cagaita, Caryocar brasilense (pequi e Swartzia langsdorfii (banha de galinha são frutas do bioma cerrado, conhecidas e consumidas principalmente por populações nativas dessa região. Nesse estudo, as diferentes frações dos frutos acima descritos (polpa, semente e casca foram avaliadas por meio de extratos aquosos e etanólicos. Alguns extratos mostraram altíssimos conteúdos de compostos fenólicos e foram escolhidos para avaliação do potencial em seqüestrar radicais livres por meio do modelo 2,2 difenil-1-picril hidrazil (DPPH. Os melhores resultados foram: extrato aquoso e etanólico de casca de pequi (IC50 igual a 9,44 e 17,98 µg.mL-1 respectivamente, extrato etanólico de sementes de cagaita (IC50 igual a 14,15 µg.mL-1, extrato etanólico de sementes e casca de araticum (IC50 igual a 30,97 e 49,18 µg.mL-1, respectivamente. Este é o primeiro estudo que avalia o potencial em seqüestrar radicais livres de frações de frutas do cerrado. Os resultados indicam que os extratos possuem grande potencial antioxidante e estudos adicionais são necessários para avaliar essa propriedade dos extratos como uma aplicação sustentável dos recursos do cerrado nos setores farmacêuticos, cosméticos e nutricionais.Annona crassiflora (araticum, Solanum lycocarpum (lobeira, Eugenia dysenterica (cagaita, Caryocar brasilense (pequi and Swartzia langsdorfii (banha de galinha are tropical fruits consumed mainly by native people in the Brazilian Cerrado (second biggest biome of Brazil. In this study, pulp, seed and peel of the fruits were extracted using ethanol and water. Some of the extracts showed a high content of total phenols and were screened for their potential as antioxidants using the in vitro model 2,2-diphenyl-1-picryl hydrazyl (DPPH. The best results were found for aqueous and ethanolic extracts of pequi peel (IC50 of 9,44 and 17,98 µg.mL-1 respectively

  10. Efeito antimutagênico, antigenotóxico, antiobesidade e antioxidante da Ilex paraguariensis (erva-mate)

    OpenAIRE

    Andrea da Rocha Kaezer

    2013-01-01

    O extrato aquoso de erva-mate, obtido a partir de folhas secas de Ilex paraguariensis, é uma bebida amplamente consumida na América do Sul. Inicialmente, nosso objetivo foi caracterizar os compostos presentes nas amostras de erva-mate disponíveis no mercado brasileiro (CH: chimarrão; T: chá mate torrado; G: chá mate torrado, comercialmente acondicionado em garrafas ou C: em copos; TS: chá mate torrado solúvel A mutagenicidade, citotoxicidade e antimutagenicidade de todas as amostras também fo...

  11. Sesquiterpenes and other constituents from leaves of Pterodon pubescens Benth (Leguminosae); Sesquiterpenos e outros constituintes das folhas de Pterodon pubescens Benth (Leguminosae)

    Energy Technology Data Exchange (ETDEWEB)

    Miranda, Mayker Lazaro Dantas; Garcez, Fernanda Rodrigues; Garcez, Walmir Silva, E-mail: walmir.garcez@ufms.br [Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (UFMS), Campo Grande, MS (Brazil). Instituto de Quimica; Abot, Alfredo Raul [Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul (UEMS), Aquidauana, MS (Brazil)

    2014-05-15

    In addition to β-sitosterol, stigmasterol, phaeophitin A, luteolin, kaempferol, quercetin, (+)-catechin, quercetin-3-O-α-L-rhamnopyranoside, rutin, and p-hydroxy-benzoic acid, six known sesquiterpenes, namely (rel)-2β,6β-epoxy-5β-hydroxy-isodaucane, oplopanone, 1β,6α-dihydroxy-4(15)-eudesmene, caryophyllene oxide, α-cadinol, and spathulenol, were isolated from the leaves of Pterodon pubescens (Leguminosae) growing in the Cerrado of Mato Grosso do Sul, Brazil. The (rel)-2β,6β-epoxy-5β-hydroxy-isodaucane corresponds to the correct structure of homalomenol D. The sesquiterpene oplopanone, which bears a modified cadinane skeleton, is being reported for the first time in this genus. The structures of the compounds were determined on the basis of spectral data (MS, IR, and NMR-1D and 2D) and subsequent comparison with data reported in the literature. (author)

  12. Chemical constituents of the leaves from Rollinia leptopetala R. E. Fries; Constituintes quimicos das folhas de Rollinia leptopetala R. E. Fries

    Energy Technology Data Exchange (ETDEWEB)

    Costa, Vicente Carlos de O.; Tavares, Josean F.; Queiroga, Cinthia S.; Castello-Branco, Marianna V.S.; Diniz, Margareth F.F. Melo; Lima, Carolina Uchoa G.B. de; Santos, Barbara Viviana de O.; Pita, Joao Carlos L.R.; Silva, Marcelo Sobral da, E-mail: josean@ltf.ufpb.br [Departamento de Ciencias Farmaceuticas, Centro de Ciencias da Saude, Universidade Federal da Paraiba (UFPB), Joao Pessoa, PB (Brazil); Sette, Ivana Maria Fechine [Departamento de Farmacia, Centro de Ciencias Biologicas e da Saude, Universidade Estadual da Paraiba, Campina Grande, PB (Brazil)

    2012-07-01

    The phyto chemical investigation of Rollinia leptopetala led to the isolation of a new compound named a-terpinyl caffeate, and five known compounds, being three sesquiterpenes, spathulenol, {beta}-caryophyllene and 4{beta},10a-aromadendrane-diol, and two alkaloids, (-)-3-hydroxynornuciferine and (+)-norisocorydine. These alkaloids are being described for the first time in this genus. The structures of the compounds were determined by analysis of IR, MS and NMR data, as well as by comparison with literature data. The crude extract of R. leptopetala leaves demonstrated a weak cytotoxicity on sarcoma 180 cells with an IC{sub 50} of 512.3 {mu}g/mL. However, the in vivo results showed that the extract exhibited a significant dose-dependent tumor growth reduction. (author)

  13. Flavonóides, norisoprenóides e outros terpenos das folhas de Tapirira guianensis Flavonoids, norisoprenoids and other terpenes from leaves of Tapirira guianensis

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Suzimone de J. Correia

    2008-01-01

    Full Text Available From hexane fraction of methanol extract of leaves of Tapirira guianensis (Anacardiaceae were obtained lupeol, 24-methylenecycloartan-3-ol, phytol, α-amyrin, β-amyrin, sitosterol, sitostenone, glycosyl sitosterol, as well as sitosterol esterified with palmitic and stearic acids. Phytol, α-amyrin and β-amyrin esterified with fatty acids were also identified from same extract. The EtOAc extract besides the norisoprenoids (6S,7E,9S-6,9-dihydroxy-megastigma-4,7-dien -3-one 9-O-β-glucopyranoside and (6S,7E,9R-6,9-dihydroxy-megastigma-4,7-dien-3-one 9-O-β-glucopyranoside also afforded kaempferol 3-O-rhamnoside, kaempferol 3-O-arabinofuranoside, quercetin 3-O-rhamnoside, and kaempferol. The structural elucidation of isolated compounds were based on UV, IR, MS, ¹H and 13C NMR data analysis.

  14. Cytotoxic derivatives of withanolides isolated from the leaves of Acnistus arborescens; Derivados citotoxicos de vitanolidos isolados das folhas de Acnistus arborescens

    Energy Technology Data Exchange (ETDEWEB)

    Minguzzi, Sandro, E-mail: sming@uems.b [Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul, Navirai, MS (Brazil). Curso de Quimica; Barata, Lauro E.S. [Universidade Estadual de Campinas (IQ/UNICAMP), SP (Brazil). Inst. de Quimica; Cordell, Geoffrey A. [Natural Products Inc., Evanston, IL (United States)

    2011-07-01

    In view of anticancer activity of 7 beta-acetoxywithanolide D (2) and 7beta-16beta-diacetoxywithonide D (3), isolated from the leaves of Acnistus arborescens (Solanaceae), five withanolide derivatives were obtained and their structures were determined by NMR, MS and IV data analysis. The in vitro anticancer activity of these derivatives was evaluated in a panel of cancer cell lines: human breast (BC-1), human lung (Lu1), human colon (Col2) and human oral epidermoid carcinoma (KB). Compounds 2a (acetylation of 2), 3b (oxidation of 3) and 2c (hydrogenation of 2) exhibited the highest anticancer activity against human lung cancer cells, with ED{sub 50} values of 0.19, 0.25 and 0.63 mug/mL, respectively. (author)

  15. Constituintes químicos, fenóis totais e atividade antioxidante de Sterculia striata St. Hil. et Naudin Chemical constituents, total phenolics and antioxidant activity of Sterculia striata St. Hil. et Naudin

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Danielly Albuquerque Costa

    2010-03-01

    Full Text Available A investigação fitoquímica das cascas do caule de Sterculia striata St. Hil. et Naudin, através de métodos cromatográficos, conduziu ao isolamento dos esteróides sitosterol, estigmasterol e sitosterol-3-O-β-D-glicopiranosídeo, além de quatro triterpenóides pentacíclicos, o lupeol, 3-β-O-acil lupeol, lupenona e ácido betulínico. As estruturas desses compostos foram identificadas por análise dos espectros de RMN ¹H e 13C e comparações com dados da literatura. Para determinação do teor de fenóis totais do extrato etanólico de S. striata utilizou-se o reativo Folin Ciocalteu, enquanto na avaliação da atividade antioxidante empregou-se o radical livre DPPH. Este é o primeiro trabalho descrevendo o estudo químico com as cascas do caule desta espécie.The phytochemical investigation of the stem bark of Sterculia striata St. Hil. et Naudin by chromatographic methods led to the isolation of sitosterol, stigmasterol and sitosterol-3-O-β-D-glucopyranoside, besides pentacyclic triterpenoids, lupeol, 3-β-O-acyl-lupeol, lupenone and betulinic acid. The structures of these compounds were identified by ¹H and 13C NMR spectral data analysis and comparison with literature data. For determining of the phenolic content of the etanolic extract of Sterculia striata we used the Folin Ciocalteu reagent, and for the evaluation of antioxidant activity, we utilized the DPPH free radical. This is the first work reporting the chemical study with the stem bark of this species.

  16. Avaliação da estabilidade e atividade antioxidante de uma emulsão base não-iônica contendo resveratrol

    OpenAIRE

    Lange, Marcela Kist; Heberlé, Graziela; Milão, Denise

    2009-01-01

    Vários são os fatores que podem ocasionar a instabilidade de uma emulsão, destacando-se a oxidação, reação prevenida pelo emprego de antioxidantes. O butil-hidróxi-tolueno (BHT) tem sido um dos antioxidantes sintéticos mais utilizados em formulações cosméticas, porém, a busca da indústria farmacêutica e cosmética pelo emprego de produtos de origem natural tem sido cada vez maior. Visto isso, o objetivo do presente trabalho foi a incorporação do resveratrol, um composto fenólico encontrado pri...

  17. Evaluación de la actividad antioxidante de la pulpa, cáscara y semilla del fruto del camu camu (Myrciaria dubia H.B.K.)

    OpenAIRE

    Sotero Solis, Víctor; Silva Doza, Luz; García de Sotero, Dora; Imán Correa, Sixto

    2009-01-01

    El camu camu es una especie nativa de la Amazonía y el interés por su fruto radica en su alta concentración de ácido ascórbico. En el presente estudio se realizó la determinación de la actividad antioxidante de la pulpa, cáscara y semilla del camu camu colectado en el banco de Germoplasma del INIA-Loreto. Se realizó la evaluación de la actividad antioxidante, mediante el secuestro de radicales libres del DPPH. Se determinó la concentración de compuestos fenólicos y ácido ascórbico, mediante e...

  18. Clonagem humana: um estudo sobre a gênese das Representações Sociais / Human cloning: a study about genesis of social representations

    OpenAIRE

    Espíndula, Daniel Henrique Pereira; Trindade, Zeidi Araujo

    2014-01-01

    RESUMO: Compreender como o senso comum se apropria e reconstrói os saberes científicos é de interesse da Teoria das Representações Sociais. Esse estudo buscou compreender a gênese da representação da clonagem humana. Foram utilizadas duas fontes de dados: matérias publicadas na Folha de São Paulo e Veja nos anos de 1997 a 2007 e as cartas enviadas pelos leitores a essas fontes no mesmo período. Os descritores de busca foram: clone, clonagem, clonagem humana, clonagem terapêutica, engenharia g...

  19. First record on the use of leaves of Solanum lycocarpum (Solanaceae and fruits of Emmotum nitens (Icacinacea by Platyrrhinus lineatus (E. Geoffroy (Chiroptera, Phyllostomidae in the Brazilian Cerrado Primeiro registro do uso de folhas de Solanum lycocarpum (Solanaceae e de frutos de Emmotum nitens (Icacinacea por Platyrrhinus lineatus (E. Geoffroy (Chiroptera, Phyllostomidae no Cerrado brasileiro

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ludmilla M. de S. Aguiar

    2005-06-01

    Full Text Available During May, June and July of 2004, the feeding habits of Platyrrhinus lineatus (E. Geoffroy, 1810 were investigated. Each morning food remains (dry oral pellets, seeds, feces and partly eaten foods were collected in two day roosts sites located inside the main building at Embrapa Cerrados. Fruits of Emmotum nitens (Benth. Miers (1852 and leaves of Solanum lycocarpum S. Hil. (1833 were items consumed by P. lineatus. Independent of plant and bat distribution area, the use of Solanum leaves by P. lineatus appears to be common.Durante os meses de maio, junho e julho de 2004, os hábitos alimentares de Platyrrhinus lineatus (E. Geoffroy, 1810 foram investigados. Toda manhã os restos alimentares (pelotas de matéria seca, sementes, fezes e itens parcialmente comidos foram coletados em dois abrigos diurnos localizados dentro das dependências da Embrapa Cerrados. Além de frutos de Emmotum nitens (Benth. Miers (1852, folhas de Solanum lycocarpum S. Hil. (1833 foram consumidas por P. lineatus. Independentemente da área de distribuição, da planta ou do morcego, o uso de folhas de espécies do gênero Solanum por P. lineatus parece ser comum.

  20. Estudo farmacognóstico de folhas e raízes da Spiranthera odoratissima A. St.-Hil. (Rutaceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    L.G. Matos

    2014-09-01

    Full Text Available A Spiranthera odoratissima A. St.-Hil. (manacá é um arbusto cujas raízes são utilizadas popularmente contra dores musculares, de estômago e de cabeça, disfunções hepáticas, reumatismo, e como estimulante do apetite. As folhas são empregadas como depurativo do sangue, nas afecções renais e hepáticas. O objetivo deste trabalho foi realizar o estudo morfo-anatômico de S. odoratissima, bem como a triagem fitoquímica, a determinação dos teores de água, cinzas totais e insolúveis em ácido. O material vegetal foi coletado em Leopoldo de Bulhões/ Goiás e os estudos morfo-anatômicos e a triagem fitoquímica foram realizados utilizando as técnicas convencionais. Verificou-se que a folha é hipoestomática, com estômatos anomocíticos e a epiderme apresenta papilas na face abaxial. O mesofilo é dorsiventral e a nervura principal possui drusas de oxalato de cálcio e cavidades secretoras. O pecíolo apresenta sistema vascular em forma circular. Na raiz, em crescimento primário, observou-se cilindro vascular com organização diarca. Na prospecção fitoquímica detectaram-se fenóis, taninos, cumarinas, flavonoides, triterpernos/esteróis, antraquinonas e antocianinas nas folhas e alcaloides, cumarinas, amido e saponinas nas raízes. Esses resultados são parâmetros importantes para o controle de qualidade dessa matéria-prima vegetal.

  1. Efecto antiinflamatorio y antioxidante de los flavonoides de las hojas de Jungia rugosa Less (matico de puna en un modelo experimental en ratas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Edwin Enciso

    2011-12-01

    Full Text Available Objetivos: Evaluar la actividad antiinflamatoria y antioxidante de la fracción flavónica extraída de las hojas de Jungia rugosa Less. Diseño: Experimental. Lugar: Facultades de Medicina y Farmacia y Bioquímica, Universidad Nacional Mayor de San Marcos, Lima, Perú. Material biológico: Fracción flavónica extraído de las hojas de Jungia rugosa Less y ratas. Intervenciones: Las hojas de Jungia rugosa Less fueron recolectadas en el cerro Condorcunca, a 3 500 msnm, distrito de Quinua, departamento de Ayacucho. La actividad antiinflamatoria fue evaluada in vivo usando el método de edema plantar inducido por carragenina y en sangre se cuantificó los niveles séricos de interleuquinas 1, 6 y proteína C reactiva (PCR; también, se indujo el granuloma, según Sedwicks, evaluándose por histopatología. La actividad antioxidante fue evaluada in vitro mediante la neutralización del radical 1,1-difenil-2-picril-hidrazilo (DPPH. Principales medidas de resultados: Actividad antiinflamatoria y antioxidante. Resultados: La inflamación disminuyó en 43,8%, y los niveles de interleuquinas 1, 6 y PCR lo fueron en 80%, 90% y 78%, respectivamente, al ser comparados con el control (p<0,05, siendo el efecto dosis dependiente, y brindó un 97,7% de inhibición de radicales DPPH. Conclusión: Se ha demostrado que la fracción flavónica extraída de las hojas de Jungia rugosa Less es antiinflamatoria y antioxidante.

  2. Capacidad antioxidante de poblaciones silvestres de “tara” (Caesalpinia spinosa de las localidades de Picoy y Santa Fe (Provincia de Tarma, departamento de Junín

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Alberto López S.

    2011-01-01

    Full Text Available El Perú es el principal abastecedor de “tara”, gracias a que nuestro país posee una gran variedad de climas y tipos de suelos, haciendo posible la obtención de este cultivo durante la mayor parte del año. El departamento de Junín cuenta con poblaciones naturales de “tara” que aun no han sido caracterizadas bioquímica ni genéticamente, que podrían aprovecharse en beneficio de las comunidades locales. En este trabajo se reporta la capacidad antioxidante de “tara” provenientes de las localidades de Picoy y Santa Fe, ambas ubicadas en Tarma, Junín. Se utilizó la técnica del DPPH y del ABTS para valorar la capacidad antioxidante; para la determinación de fenoles y flavonoides se utilizó el reactivo de Folin-Ciocalteau según la técnica de Singleton. La muestra de Picoy reportó mayor cantidad de fenoles siendo de 563.70 mg/g de extracto seco, mientras que la cantidad de flavonoides fue de 0.664 mg/g. La capacidad antioxidante mostro una mejor respuesta en la muestra de Picoy, reportándose mediante el DPPH un IC50 1.244 mg/ml y con el ABTS un 35.3% de inhibición. Estos datos podrían aprovecharse para incrementar el valor agregado y mejorar la oferta de este recurso en dicha localidad debido a sus mejores características antioxidantes.

  3. Phenolic compounds, methylxanthines and antioxidant activity in cocoa mass and chocolates produced from "witch broom disease" resistant and non resistant cocoa cultivars Compostos fenólicos, metilxantinas e atividade antioxidante em massa de cacau e chocolates produzidos a partir de cultivares resistentes e não resistentes a "vassoura de bruxa"

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Paula Bacelar Leite

    2013-06-01

    ção depende da origem genética do fruto, do meio ambiente onde o cacau é cultivado e das operações de processamento. Assim, neste trabalho, objetivou-se determinar os compostos fenólicos monoméricos, metilxantinas e a atividade antioxidante em massa de cacau e chocolates provenientes de cultivares resistentes à "vassoura de bruxa" e não resistentes à doença. Os compostos fenólicos totais na massa de cacau não variou entre os cultivares com valores que variam entre 25,03mg g-1 a 23,95mg g-1. Chocolates feitos a partir de cultivares não resistentes à doença apresentaram maior teor de fenólicos totais (19,11mg g-1 que os cultivares resistentes, SR162 e PH16 com 16,08mg.g-1 e 15,46 mg.g-1, respectivamente. Os conteúdos de epicatequina foram superiores aos de catequina em todos os cultivares. Houve diferenças significativas entre as amostras de massa de cacau analisadas para a cafeína. Chocolates produzidos a partir do cultivar SR162 apresentaram maior quantidade de compostos fenólicos e metilxantinas. A amostra de chocolate com a atividade antioxidante mais elevada é a SR162, seguida dos cultivares não resistentes e PH16, mostrando uma relação entre a atividade antioxidante e o conteúdo de compostos fenólicos monoméricos.

  4. Ocorrência de Ovulariopsis papayae Bijl em folhas de mamoeiro Occurrence of Ovulariopsis papayae Bijl in papaya leaves

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ivan José Antunes Ribeiro

    1988-01-01

    Full Text Available É citada pela primeira vez, em nossas condições, a ocorrência de oídio causado por Ovulariopsis papayae Bijl em folhas de mamoeiro (Cacica papaya L.. São descritas a sintomatologia, as características morfológicas do patógeno e o teste de patogenicidade.The occurrence causing powdery mildew in papaya leaves was observed for the first time in the State of São Paulo, Brazil. The symptomatology and the morphological characteristics of the pathogen were described and the pathogenicity was comproved.

  5. Conteúdo de fenólicos, flavonoides totais e atividade antioxidante de amostras de própolis comerciais

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Elizângela Alves

    2013-01-01

    Full Text Available Neste trabalho foram determinadas algumas características físico-químicas de própolis de Santa Maria- RS. Foram analisadas seis amostras comerciais obtidas em farmácias e lojas de produtos naturais na cidade citada. A composição química, quanto aos fenólicos e flavonoides totais, assim como a atividade antioxidante, foi testada e comparada. A alta atividade antioxidante dos extratos puros (ou diluídos foi explicada pelo teor dos flavonoides e fenólicos totais, confirmando a relação desses compostos na ação preventiva contra radicais livres. As seis amostras comerciais analisadas possuíram de fenólicos 70,60 mg a 539,10 mg (expresso em mg de ácido gálico/g de extrato de própolis e de flavonoides 48,95 mg a 114,50 mg (expresso em mg de quercetina/g de extrato de própolis. A atividade antioxidante maior foi do extrato aquoso, tanto pela inibição do radical DPPH quanto pela atividade quelante. No extrato aquoso de própolis obteve-se resultados satisfatórios para uma futura aplicação em alimento.

  6. Os impactos da desoneração da folha de pagamentos em uma empresa de tecnologia da informação = The impacts of the “Payroll Tax Relief” on an information technology company

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Taiana Beatriz Junkes da Silveira

    2017-08-01

    Full Text Available Em 2011 foi instituído o Plano Brasil Maior, com o intuito de acelerar o crescimento do investimento produtivo, o esforço tecnológico, a inovação das empresas nacionais e aumentar a competitividade dos bens e serviços nacionais. Dentre as medidas instituídas por este plano está a substituição, para alguns setores da economia, da Contribuição Previdenciária Patronal (CPP pela Contribuição Previdenciária sobre a Receita Bruta (CPRB, ou "desoneração da folha de pagamentos". Nesse sentido, o objetivo desta pesquisa consistiu em investigar o impacto da “desoneração da folha de pagamentos” nos gastos com mão de obra incorridos por uma empresa de tecnologia da informação localizada em Florianópolis.Foi realizada uma pesquisa exploratória, por meio de um estudo de caso, com abordagem quali-quantitativa. Os resultados indicam que a partir da implementação da desoneração da folha de pagamentos a empresa obteve uma economia nos gastos com contribuição previdenciária. Além disso, constatou-se que a partir do período em que a empresa poderá optar pelo recolhimento de uma ou outra contribuição previdenciária (CPP ou CPRB é mais interessante a opção pela Contribuição previdenciária sobre a Receita Bruta. In order to accelerate the growth of productive investment, the technological effort and the innovation in domestic companies, as well as the increase the competitiveness of national goods and services, the program “Brasil Maior” was established, in 2011. One of the measures imposed by this plan is the replacement, for some sectors of the economy, of Social Security Employer tax (taxes on labor to Social Security tax on revenue, or “Payroll tax relief”. In this sense, the objective of this paper is to investigate the impact of this substitution on labor charges expenditures incurred by an Information Technology company located in Florianópolis. An exploratory research was carried out through a case study

  7. easyDAS: Automatic creation of DAS servers

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Jimenez Rafael C

    2011-01-01

    Full Text Available Abstract Background The Distributed Annotation System (DAS has proven to be a successful way to publish and share biological data. Although there are more than 750 active registered servers from around 50 organizations, setting up a DAS server comprises a fair amount of work, making it difficult for many research groups to share their biological annotations. Given the clear advantage that the generalized sharing of relevant biological data is for the research community it would be desirable to facilitate the sharing process. Results Here we present easyDAS, a web-based system enabling anyone to publish biological annotations with just some clicks. The system, available at http://www.ebi.ac.uk/panda-srv/easydas is capable of reading different standard data file formats, process the data and create a new publicly available DAS source in a completely automated way. The created sources are hosted on the EBI systems and can take advantage of its high storage capacity and network connection, freeing the data provider from any network management work. easyDAS is an open source project under the GNU LGPL license. Conclusions easyDAS is an automated DAS source creation system which can help many researchers in sharing their biological data, potentially increasing the amount of relevant biological data available to the scientific community.

  8. Feeding non-preference of the corn leaf aphid Rhopalosiphum maidis (Fitch, 1856 (Hemiptera: Aphididae to corn plants (Zea mays L. treated with silicon Não-preferência do pulgão-da-folha Rhopalosiphum maidis (Fitch, 1856 (Hemiptera: Aphididae para plantas de milho (Zea mays L. tratadas com silício

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Jair Campos Moraes

    2005-08-01

    Full Text Available A tactic for control to corn leaf Rhopalosiphum maidis (Fitch, 1856 would be the use of resistant materials, but, for not being a key pest of the crop, there are not yet corn genotypes availables with those characteristics. So, it was aimed in this work to evaluate the effect of silicon on the aphid's development on corn plants. Preference tests with leaves detached from the plants and on corn plants were accomplished. Its was found that the treatments where silicon was applied to the soil plus a foliar sprayed fertilization or through two foliar applications were the ones which contained a lower number of aphids, increasing the resistance of leaves and making the feeding of those insects difficult. In general, the results showed that silicon affected the leaf aphid's preference.Uma tática para o controle do pulgão-do-milho Rhopalosiphum maids (Fitch, 1856 seria a utilização de materiais resistentes, porém, por não se tratar de uma praga-chave da cultura, não há, ainda, disponibilidade de genótipos de milho com essas características. Assim com o presente trabalho objetivou-se avaliar o efeito do silício na preferência do pulgão-da-folha em plantas de milho. Os tratamentos consistiram na aplicação de silício via solo e/ou foliar e testemunha. Foram realizados testes de não-preferência com folhas destacadas e diretamente em plantas de milho. Verificou-se que os tratamentos nos quais o silício foi aplicado via solo mais uma adubação foliar, ou mediante duas aplicações foliares, foram os que apresentaram menor número de pulgões, aumentando a resistência das folhas e dificultando a alimentação desses insetos. De modo geral, o silício afetou a preferência do pulgão-da-folha.

  9. Origens das formas budistas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fernando Carlos Chamas

    Full Text Available RESUMO As características de uma imagem de Buda são o resultado do processo milenar que uniu três fatores: as mitologias orientais mais antigas que o budismo, sua capacidade de se adequar às crenças locais e as suas próprias reinterpretações. Após o surgimento das primeiras estátuas que representavam o Buda histórico, o ideal de beleza para um ser que alcançou a Iluminação baseou-se nas antigas "ciências" orientais, predominantemente mentais e de energias sutis. Enquanto a estética ocidental discutia as idealizações da arte com racionalidade, ignorando um oriente "pagão e supersticioso", as imagens budistas personificavam estados mentais que o ocidente só cogitaria na sua modernidade. A arte budista transmite o legado ancestral e imutável de chaves místicas da consciência e do equilíbrio..

  10. Bingo das Ervilhas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luciana Bonato Lovato

    2016-12-01

    Full Text Available Este artigo analisa a utilização de um jogo didático sobre conteúdos de Genética ministrados no Ensino Fundamental. O material utilizado foi elaborado a partir da literatura existente e trabalhado sob a forma de uma oficina ministrada a professores de Ensino Fundamental e Médio de escolas de abrangência da 4a. Coordenadoria Regional de Educação do Rio Grande do Sul. A oferta desta oficina partiu do pressuposto de que os jogos educacionais são uma importante estratégia no processo de ensino-aprendizagem por se tratarem de uma ferramenta facilitadora nas aulas de Ciências, uma vez que contribuem para a aprendizagem de conceitos e termos complexos de maneira lúdica e estimulam o desenvolvimento das competências dos educandos. Todos os participantes consideraram que a oficina realizada contribuirá para sua prática docente, e acreditam que os jogos didáticos oferecem experiências de aprendizado que contribuem para construção do conhecimento.

  11. Biomass production and essential oil yield from leaves, fine stems and resprouts using pruning the crown of Aniba canelilla (H.B.K. (Lauraceae in the Central Amazon Produção de biomassa e rendimento de óleo essencial de folhas, galhos finos e rebrotas utilizando poda da copa de Aniba canelilla (H.B.K. (Lauraceae na Amazônia Central

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Adriana Pellegrini Manhães

    2012-09-01

    Full Text Available Aniba canelilla (H.B.K. Mez. is a tree species from Amazon that produces essential oil. The oil extraction from its leaves and stems can be an alternative way to avoid the tree cutting for production of essential oil. The aim of this study was to analyse factors that may influence the essential oil production and the biomass of resprouts after pruning the leaves and stems of A. canelilla trees. The tree crowns were pruned in the wet season and after nine months the leaves and stems of the remaining crown and the resprouts were collected, in the dry season. The results showed that the essential oil yield and chemical composition differed among the stems, leaves and resprouts. The stems' essential oil production differed between the seasons and had a higher production in the resprouting stems than the old stems of the remaining crown. The production of essential oil and leaf biomass of resprouts were differently related to the canopy openness, indicating that light increases the production of the essential oil and decreases the biomass of resprouting leaves. This study revealed that plant organs differ in their essential oil production and that the canop