WorldWideScience

Sample records for anestesia para implante

  1. Anestesia local e sedação para cirurgia de implante coclear: uma alternativa possível Local anesthesia for cochlear implant surgery: a possible alternative

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rogério Hamerschmidt

    2010-10-01

    Full Text Available Aanestesia geral sempre foi motivo de dúvida dos pacientes que vão ser submetidos a qualquer cirurgia, especialmente o implante coclear. Como já realizamos as cirurgias otológicas com anestesia local e sedação, julgamos perfeitamente possível a realização da cirurgia do implante coclear também com esse tipo de anestesia, diminuindo os riscos, a morbidade e os custos para o hospital. OBJETIVOS: Estudo prospectivo para demonstrar a técnica anestésica e cirúrgica utilizada em três casos de adultos submetidos ao implante coclear, avaliando a segurança e a eficácia de tal técnica. MATERIAL E MÉTODOS: Foram feitas três cirurgias de implante coclear, duas com implante Cochlear e uma com Med-EL, sem intercorrências transoperatórias, durante a telemetria e no pós-operatório imediato. RESULTADOS: Os três pacientes adultos tiveram alta hospitalar aproximadamente três horas após a cirurgia, deambulando, sem eventos nauseosos, relatando um pós-operatório mais fácil do que esperavam, mesmo no momento da telemetria intraoperatória. CONCLUSÃO: Anestesia local e sedação é uma alternativa para casos selecionados de pacientes para o implante coclear, principalmente naqueles de mais idade ou que apresentem contraindicação para a anestesia geral, os riscos e a morbidade são menores.The aim of this paper is to illustrate the possibility of performing a cochlear implant surgery with local anesthesia and sedation, the anesthetic technique and the advantages of that in comparison to a general anesthesia. AIMS: prospective study demonstrating the possibility of doing cochlear implant surgery under local anesthesia and sedation. MATERIALS AND METHODS: we describe three successful cases operated under local anesthesia, including neural telemetry and the conditions the patient presented after the surgery, with a very good recovery and no complications during and after the procedure. RESULTS: these three surgeries show the possibility of

  2. Anestesia para implante de marca-passo em paciente adulto com ventrículo único não-operado: relato de caso Anestesia para implante de marcapaso en paciente adulto con ventrículo único no operado: relato de caso Anesthesia for pacemaker implant in an adult patient with unoperated univentricular heart: case report

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Adriano Bechara de Souza Hobaika

    2007-02-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: Ventrículo único é anormalidade rara encontrada em cerca de 1% dos pacientes com cardiopatia congênita. Somente 11 casos de pacientes com ventrículo único não-operado e idade acima de 50 anos foram relatados na literatura. Este trabalho teve como objetivo descrever a conduta anestésica em paciente com ventrículo único para implante de marca-passo. RELATO DO CASO: Paciente do sexo feminino, 47 anos, com presença de dupla via de entrada do ventrículo esquerdo, L-transposição de grandes artérias e estenose subpulmonar, sem correção cirúrgica prévia, foi agendada para implante de marca-passo cardíaco definitivo seqüencial de duas câmaras. Ao MAPA apresentava bloqueio atrioventricular de segundo grau e uma freqüência cardíaca média de 45 bpm. Os exames pré-operatórios mostravam hematócrito de 57%, coagulograma normal, função ventricular preservada. A monitorização constou de oxímetro de pulso, ECG nas derivações D II e V5, PIA, capnógrafo e analisador de gases. Um marca-passo temporário transcutâneo foi disponibilizado no caso de bradicardia intensa. A anestesia foi induzida com fentanil (0,25 mg, etomidato (20 mg e atracúrio (35 mg. Quatro minutos após a indução, a freqüência cardíaca diminuiu para 30 bpm, sendo administrado 1 mg de atropina, com reversão da bradicardia. A anestesia foi mantida com sevoflurano a 2,5%, ar 60% e oxigênio 40%. O estado hemodinâmico e a saturação de oxigênio permaneceram estáveis. A paciente foi encaminhada à unidade de terapia intensiva estável e extubada ao final do procedimento. CONCLUSÕES: A conduta anestésica para implante de marca-passo em paciente de 47 anos com dupla via de entrada do ventrículo esquerdo e estenose subpulmonar não-operada foi adequada, haja vista que permitiu a realização do procedimento indicado.JUSTIFICATIVA Y OBJETIVOS: Ventrículo único es una anormalidad rara encontrada en aproximadamente 1% de los

  3. Anestesia para cesárea en paciente con acondroplasia

    OpenAIRE

    Osorio Rudas, Walter; Socha García, Nury Isabel; Upegui, Alejandro; Ríos Medina, Ángela; Moran, Adrian; Aguirre Ospina, Oscar; Rivera, Carlos

    2012-01-01

    Introducción: En gestantes acondroplásicas se recomienda el parto por cesárea con anestesia general; sin embargo, recientemente se ha reportado el uso de técnicas conductivas con resultados adecuados. Objetivo:Describir el manejo anestésico de una paciente con acondroplasia programada para cesárea utilizando anestesia combinada espinal-epidural. Métodos y resultados:Mostramos el caso de una primigestante acondroplásica con 110 cm de estatura y embarazo de 37 semanas, en quien se realizó cesár...

  4. SISTEMA COMPUTARIZADO EN LAZO CERRADO PARA EL SUMINISTRO DE LA ANESTESIA INTRAVENOSA

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Alberto Vanegas-Saavedra

    2014-12-01

    Full Text Available El sistema de suministro de la anestesia total intravenosa en lazo cerrado es una técnica reciente que ofrece ventajas sobre las técnicas actuales como la estabilidad intraoperatoria y la menor y más segura dosificación. OBJETIVO: El objetivo general de este artículo es el de resumir los hallazgos sobre un nuevo método computarizado sencillo, en lazo cerrado, para suministrar la anestesia total intravenosa de forma automatizada y segura bajo la supervisión permanente del Anestesiólogo. Este sistema se ha desarrollado para la administración de anestesia intravenosa implementando varios subsistemas. Un modelo multicompartimental de distribución de fármacos en el paciente, un algoritmo para determinar la curva de velocidades del hipnótico (propofol a infundir, un protocolo de comunicación para establecer las velocidades de infusión y un lazo de realimentación para controlar la profundidad hipnótica mediante el índice biespectral. RESULTADO: El resultado final ha sido el desarrollo de un instrumento de fácil uso, con una interfaz interactiva, que facilita la operación anestésica por parte del anestesiólogo valiéndose de un computador convencional y un monitor de profundidad hipnótica. CONCLUSIÓN: Se ha implementado una herramienta informática dotada de un modelo farmacocinético multicompartimental de gran interés académico y clínico, que tal y como se ha demostrado de forma cuantitativa, proporciona idénticos resultados a los ofrecidos por equipos comerciales; con importantes ventajas adicionales como una interfaz de usuario interactiva y la posibilidad de administrar anestesia total intravenosa.

  5. Hiperpotassemia pela solução Euro-Collins na anestesia para transplante renal: relato de caso

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Eunice Sizue Hirata

    2013-10-01

    Full Text Available OBJETIVOS: Descrever uma anestesia para transplante renal que se complicou com a elevação brusca de potássio, pela reperfusão do rim com solução Euro-Collins no campo operatório. Também será relatado o diagnóstico e o tratamento empregados nessa complicação. CONCLUSÃO: O uso de soluções de perfusão no campo cirúrgico requer cuidados na monitoração, como eletrocardioscopia e dosagem de potássio sérico, e disponibilidade para uso imediato de gluconato de cálcio, insulina e salbutamol. A substituição da solução Euro-Collins por soro fisiológico imediatamente antes do implante pode ser uma opção útil em pacientes com níveis de potássio sabidamente elevados.

  6. Anestesia venosa total para laringectomia parcial em paciente na 28ª semana de gestação: relato de caso

    OpenAIRE

    Costa, José; Mendes, Dalva Maria Carvalho; Lobo, José Eduardo de Oliveira; Furuguem, Adriana Barrozo Ribeiro; Santos, Gabriel Gilberto

    2005-01-01

    JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: Uma anestesia para paciente gestante constitui um desafio ao anestesiologista em virtude dos riscos para a mãe e para o feto. São muitas as complicações descritas pela literatura como malformações fetais, parto prematuro, instabilidade hemodinâmica materna e até morte fetal. O objetivo deste caso é mostrar uma paciente gestante de 28 semanas, submetida a laringectomia parcial sob anestesia geral venosa total com propofol, remifentanil e cisatracúrio. RELATO DO CASO:...

  7. Anestesia venosa total para laringectomia parcial em paciente na 28ª semana de gestação: relato de caso Anestesia venosa total para laringectomía parcial en paciente en la 28ª semana de embarazo: relato de caso Total intravenous anesthesia for partial laryngectomy in 28 weeks pregnant patient: case report

    OpenAIRE

    José Costa; Dalva Maria Carvalho Mendes; José Eduardo de Oliveira Lobo; Adriana Barrozo Ribeiro Furuguem; Gabriel Gilberto Santos

    2005-01-01

    JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: Uma anestesia para paciente gestante constitui um desafio ao anestesiologista em virtude dos riscos para a mãe e para o feto. São muitas as complicações descritas pela literatura como malformações fetais, parto prematuro, instabilidade hemodinâmica materna e até morte fetal. O objetivo deste caso é mostrar uma paciente gestante de 28 semanas, submetida a laringectomia parcial sob anestesia geral venosa total com propofol, remifentanil e cisatracúrio. RELATO DO CASO:...

  8. Emprego do propofol, isofluorano e morfina para a anestesia geral de longa duração em bezerros

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Alves G.E.S.

    2003-01-01

    Full Text Available Foram estudadas características da bioquímica do sangue, da pressão arterial e da freqüência de pulso de 12 bezerros mantidos sob anestesia por 13 horas, utilizando-se propofol para a indução e isofluorano para manutenção, associados à administração de morfina intra-tecal. Os valores de freqüência de pulso, pressão arterial e glicemia apresentaram pequenas variações e se mantiveram próximos dos valores de referência para bezerros anestesiados. Ao longo do período de anestesia houve aumento significativo, mas discreto, do hematócrito, hemoglobina, pCO2, CO2 total, bicarbonato e potássio. O pH do sangue, pO2, Na+ e Ca++ apresentaram reduções significativas. Este protocolo anestésico foi seguro para a manutenção de bezerros anestesiados por período prolongado.

  9. Anestesia ambulatorial para radioterapia em paciente portador de miastenia gravis: relato de caso Anestesia ambulatorial para radioterapia en paciente portador de miastenia gravis: relato de caso Outpatient anesthesia for radiotherapy in a patient with myasthenia gravis: case report

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Raquel Marcondes Bussolotti

    2006-08-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: A miastenia gravis (MG é doença auto-imune rara, caracterizada pela redução de receptores nicotínicos na junção neuromuscular, com incidência de 14/100.000. O objetivo deste relato foi descrever o caso de paciente portador de miastenia gravis submetido à anestesia geral balanceada, para tratamento radioterápico de carcinoma espinocelular de parótida, em regime ambulatorial. RELATO DO CASO: Paciente do sexo masculino, 87 anos, 87 kg, estado físico ASA III, com história de miastenia gravis; acidente vascular encefálico prévio (AVE; marca-passo por bloqueio atrioventricular total; hipertensão arterial sistêmica (HAS. Foram programadas sete sessões de radioterapia de 20 minutos para tratamento de tumor de parótida, sob anestesia geral. Na sala de radioterapia foi monitorizado com cardioscópio, monitor de pressão arterial não-invasiva, oxímetro de pulso, e submetido à anestesia geral com propofol e sevoflurano. Após a indução, foi mantido em ventilação espontânea com cânula de Guedel e cateter nasofaríngeo com O2 /sevoflurano, para acomodação da máscara imobilizadora. Na sala de recuperação pós-anestésica, não apresentou complicações. CONCLUSÕES: A escolha dos anestésicos e o acompanhamento clínico criterioso permitiram a boa evolução do paciente, com AVE prévio, cardiopata e idoso, submetido à anestesia geral balanceada para procedimento de aplicação de radioterapia, em regime ambulatorial.JUSTIFICATIVA Y OBJETIVOS: La Miastenia Gravis (MG es una enfermedad auto inmune rara, caracterizada por la reducción de receptores nicotínicos en la junción neuromuscular, con incidencia de 14/100.000. El objetivo de este relato fue el de describir el caso del paciente portador de miastenia gravis sometido a la anestesia general balanceada, para tratamiento radioterápico de carcinoma espinocelular de parótida en régimen ambulatorial. RELATO DEL CASO: Paciente del sexo masculino

  10. Anestesia general para cesárea. Papel del sugammadex en la calidad y la seguridad del acto anestésico. Reporte de caso

    OpenAIRE

    Tafur B, Luis Alberto; Lema Flórez, Eduardo

    2012-01-01

    La cesárea es una de las intervenciones quirúrgicas más realizadas en el planeta. En el 5% de los casos se practica bajo anestesia general (7,5 millones de anestesias generales para cesárea cada año). Debido a sus requerimientos particulares (paciente con estómago lleno, necesidad de relajación neuromuscular, bienestar del binomio madre-hijo, expectativas de pronta atención del recién nacido por parte de la madre y relativa corta duración del procedimiento) la anestesia general representa un ...

  11. Estudo comparativo entre anestesia peridural torácica e anestesia geral em mastectomia oncológica Estudio comparativo entre la anestesia epidural torácica y la anestesia general en mastectomia oncológica Comparative study between thoracic epidural block and general anesthesia for oncologic mastectomy

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Sérgio D. Belzarena

    2008-12-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: A anestesia peridural torácica é utilizada com freqüência para procedimentos estéticos da mama e há poucos relatos de seu emprego para mastectomias com exploração axilar. O presente estudo comparou a técnica com anestesia geral em operações oncológicas da mama. MÉTODO: Quarenta pacientes foram divididas em dois grupos. No grupo peridural (n = 20 foi realizada peridural torácica com bupivacaína e fentanil associada à sedação com midazolam. O outro grupo (n = 20 recebeu anestesia geral convencional com propofol, atracúrio e fentanil e manutenção com O2 e isoflurano. Registraram-se no intra-operatório duração da operação, necessidade de complementação da anestesia ou da sedação e variáveis hemodinâmicas. No pós-operatório, foram registrados o tempo para alta da sala de recuperação pós-anestésica e hospitalar, a intensidade da dor e o consumo de analgésicos, os efeitos adversos e a satisfação com a técnica anestésica. RESULTADOS: Os grupos foram semelhantes e não houve diferença na duração da operação. Foi necessário complementar a sedação em 100% das pacientes que receberam anestesia peridural e em 15% foi complementada a analgesia com infiltração de anestésico local na axila. Houve maior incidência de hipertensão arterial no grupo da anestesia geral e de hipotensão entre as que receberam peridural. Ocorreu prurido em 55% das pacientes com anestesia peridural. Náusea (30% e vômito (45% foram mais freqüentes entre as que receberam anestesia geral. A analgesia pós-operatória teve melhor qualidade e o consumo de analgésicos foi menor no grupo da anestesia peridural. O período de internação também foi menor. CONCLUSÕES: A técnica peridural tem algumas vantagens com relação à anestesia geral e pode ser considerada uma opção para anestesia em mastectomias oncológicas com esvaziamento axilar.JUSTIFICATIVA Y OBJETIVOS: La anestesia epidural torácica se

  12. Aplicação do monitor Narcotrend® para avaliar a profundidade da anestesia em crianças submetidas à cirurgia cardíaca: estudo prospectivo e controlado

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Yiyan Jiang

    2013-06-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: Investigar a eficácia clínica, segurança e viabilidade do monitor Narcotrend® para avaliar a profundidade da anestesia em crianças com doença cardíaca congênita (DCC submetidas à cirurgia cardíaca. MÉTODOS: Foram randomicamente selecionadas 80 crianças submetidas à anestesia geral em cirurgia seletiva. As crianças foram divididas em dois grupos de forma aleatória (n = 40 por grupo. No grupo Narcotrend, a profundidade da anestesia foi monitorada com o Narcotrend. No grupo padrão, a profundidade da anestesia foi controlada de acordo com a experiência clínica. A pressão arterial média (PAM e a frequência cardíaca (FC foram determinadas e a dose de fentanil e relaxante muscular e os tempos de recuperação e de extubação foram registrados. RESULTADOS: Em ambos os grupos, os sinais vitais apresentaram-se estáveis durante a cirurgia. No grupo Narcotrend, a PAM e a FC foram mais estáveis, a dose total de fentanil e relaxante muscular significativamente menor e os tempos de recuperação e extubação acentuadamente mais reduzidos em comparação com o grupo padrão. CONCLUSÃO: A aplicação do monitor Narcotrend para medir a profundidade da anestesia foi útil para controlar a profundidade da anestesia em crianças com DCC que receberam anestesia intravenosa total, na qual uma pequena quantidade de narcóticos pode obter a anestesia ideal. Além disso, os tempos de recuperação e extubação foram menores e os efeitos secundários, como sensibilização intraoperatória, puderam ser evitados.

  13. Anestesia peridural torácica para cirurgia plástica de mama em paciente portadora de miastenia gravis: relato de caso Anestesia peridural torácica para cirugía plástica de mama en paciente portadora de miastenia gravis: relato de caso Thoracic epidural anesthesia for mammaplasty in myasthenia gravis patient: case report

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fabiano Timbó Barbosa

    2005-06-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: A miastenia gravis é uma doença crônica, auto-imune, caracterizada pela fraqueza da musculatura esquelética em decorrência da diminuição dos receptores de acetilcolina na junção neuromuscular. O objetivo deste relato é mostrar um caso de paciente com miastenia gravis submetida a anestesia peridural torácica para cirurgia plástica de mama. RELATO DO CASO: Paciente com 51 anos, portadora de miastenia gravis foi submetida a anestesia peridural torácica com bupivacaína e fentanil. Não houve sinais de depressão respiratória. A paciente recebeu alta hospitalar após 36 horas. CONCLUSÕES: O presente caso sugere como conduta anestésica para o paciente portador de miastenia gravis a anestesia peridural como técnica única, sem a obrigatoriedade de intubação orotraqueal.JUSTIFICATIVA Y OBJETIVOS: La miastenia gravis es una enfermedad crónica, auto-inmune, caracterizada por la debilidad de la musculatura esquelética resultante de la disminución de los receptores de acetilcolina en la unión neuromuscular. El objetivo de este relato es mostrar el caso de una paciente con miastenia gravis sometida a anestesia peridural torácica para una cirugía plástica de mama. RELATO DEL CASO: Paciente del sexo femenino, 51 años, portadora de miastenia gravis fue sometida a anestesia peridural torácica con bupivacaína y fentanil. No hubo señales de depresión respiratoria. La paciente recibió alta hospitalaria después de 36 horas. CONCLUSIONES: Este actual caso sugiere como conducta anestésica para el paciente portador de miastenia gravis la anestesia peridural como única técnica, sin la obligatoriedad de intubación orotraqueal.BACKGROUND AND OBJECTIVES: Myasthenia gravis is a chronic autoimmune disease characterized by skeletal muscles weakness promoted by decreased acetylcholine receptors in the neuromuscular junction. This report aimed at describing a case of myasthenia gravis patient submitted to thoracic

  14. Anestesia venosa total para timectomia em paciente com Miastenia Gravis: relato de caso

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rezer Gabrielle

    2003-01-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: Pacientes com doenças neuromusculares, como Miastenia Gravis, respondem de maneira anormal aos anestésicos, conforme a técnica e as drogas administradas. O objetivo deste relato é mostrar um caso de paciente portadora de Miastenia Gravis, submetida a timectomia sob anestesia venosa total com propofol e remifentanil. RELATO DO CASO: Paciente feminina, 52 anos, 72 kg, com história de Miastenia Gravis submetida a timectomia transesternal, sob anestesia venosa total, com o uso de propofol em infusão alvo controlada (3 g.ml-1 e remifentanil contínuo (0,3 µg.kg-1.min-1. Para a intubação traqueal foi utilizada succinilcolina (50 mg, sendo realizada sem dificuldade. Com a finalidade de realizar a analgesia pós-operatória, foram utilizados tramadol (50 mg, cetoprofeno (100 mg e dipirona (1 g, no per-operatório. Após a cirurgia, a infusão de propofol e remifentanil foi encerrada e, 15 minutos depois, a paciente foi extubada. A paciente apresentava-se eupnéica, acordada, sem dor, movimentando membros, com freqüência respiratória de 14 mpm e mantendo saturação de oxigênio de 97%. Permaneceu com cateter nasal de O2 a 2 L.min-1 na UTI intermediária, durante 36 horas, e recebeu alta hospitalar no 4º dia do pós-operatório. CONCLUSÕES: A anestesia venosa total, com agentes anestésicos de curta duração e sem metabólitos ativos, favoreceu a recuperação e a extubação precoce da paciente

  15. Anestesia peridural contínua com ropivacaína a 0,2% associada a anestesia geral para cirurgia do abdômen superior em crianças Anestesia peridural contínua con ropivacaína a 0,2% asociada a anestesia general para cirugía del abdomen superior en niños Continuous epidural anesthesia with 0.2% ropivacaine associated to general anesthesia for upper abdominal surgery in children

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Jyrson Guilherme Klamt

    2003-04-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: Técnicas anestésicas têm sido empregadas em pacientes pediátricos para vários tipos de cirurgias, apresentando entre outras vantagens, a analgesia pós-operatória. O objetivo deste estudo foi avaliar o ritmo de infusão de propofol e a recuperação pós-anestésica de crianças submetidas à cirurgia abdominal alta sob anestesia peridural torácica com ropivacaína a 0,2%, associada à anestesia geral com propofol ou propofol mais sufentanil. MÉTODO: Vinte e seis crianças ASA I, II e III, com idades entre 0 e 4 anos, submetidas à cirurgia abdominal alta foram selecionadas para anestesia peridural torácica (T7-T8 com ropivacaína a 0,2% (1,5 ml.kg-1. Foram divididas aleatoriamente em dois grupos: Propofol (infusão de propofol e Sufentanil (infusão de propofol mais sufentanil 1 µg.kg-1. Os ritmos de infusões de propofol foram de 20 e 10 mg.kg-1.h-1 nos grupos Propofol e Sufentanil, respectivamente, ajustadas de modo a manter a pressão arterial cerca de 20% dos valores pré-indução e interrompidas 10 a 15 minutos antes do final estimado da cirurgia. A recuperação pós-anestésica foi avaliada através de uma escala modificada de Aldrete-Kroulik e a sedação avaliada através de uma escala de 5 pontos. RESULTADOS: Duas crianças de cada grupo foram excluídas por problemas técnicos. O ritmo de infusão foi significativamente menor no grupo Sufentanil em relação ao grupo Propofol durante 100 minutos após o início da cirurgia. Os tempos para extubação e transferência para a sala de recuperação pós-anestésica (SRPA foram significativamente menores no grupo Propofol, porém a intensidade e a duração da sedação foram maiores nesse grupo em relação ao grupo Sufentanil. Os escores de recuperação foram similares nos dois grupos. Após 3 horas na SRPA, todos pacientes haviam atingido os critérios para transferência para as enfermarias. Hipotensão arterial transitória foi observada em 2

  16. Complicações respiratórias em pacientes com paralisia cerebral submetidos à anestesia geral

    OpenAIRE

    Mello, Sérgio Silva de; Marques, Ronaldo Soares; Saraiva, Renato Ângelo

    2007-01-01

    JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: Anestesia em pacientes com paralisia cerebral (PC) pode representar um desafio para o anestesiologista. Este estudo prospectivo teve como objetivo determinar a prevalência e o risco de complicações respiratórias em crianças com PC submetidas à anestesia geral inalatória (AGI) para tomografia computadorizada (TC). MÉTODO: Participaram do estudo pacientes com idades entre 1 e 17 anos, estado físico ASA I a III, submetidos a AGI com sevoflurano e máscara laríngea para ...

  17. Paresia transitória unilateral combinada do nervo hipoglosso e do nervo lingual após intubação para anestesia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Hulya Ulusoy

    2014-04-01

    Full Text Available Lesões de nervos podem ocorrer na região faringolaríngea durante a anestesia geral. Os nervos mais comumente lesionados são o hipoglosso, lingual e laríngeo recorrente. As lesões podem surgir em decorrência de vários fatores, como, por exemplo, durante a laringoscopia, intubação endotraqueal e inserção de tubo e por pressão do balão, ventilação com máscara, manobra aérea tripla, via aérea orofaríngea, modo de inserção do tubo, posição da cabeça e do pescoço e aspiração. As lesões nervosas nessa região podem acometer um único nervo isolado ou causar a paralisia de dois nervos em conjunto, como a do nervo laríngeo recorrente e hipoglosso (síndrome de Tapia. No entanto, a lesão combinada dos nervos lingual e hipoglosso após intubação para anestesia é uma condição muito mais rara. O risco dessa lesão pode ser reduzido por meio de medidas preventivas. Descrevemos um caso de paresia unilateral combinada dos nervos hipoglosso e lingual após intubação para anestesia.

  18. Anestesia e artrite reumatoide

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Eneida Maria Vieira

    2011-06-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: A artrite reumatoide (AR é uma doença inflamatória crônica e de etiologia desconhecida. Os pacientes com AR são reconhecidos como pessoas com redução na expectativa de vida, em comparação com a população em geral. As doenças reumáticas são numerosas e ocorrem com alta variabilidade; algumas são desenvolvidas rapidamente; outras, cronicamente, provocando incapacidades durante toda a vida. Os riscos anestésicos, em desordens osteoarticulares, envolvem, além das deformidades mecânicas causadas pela doença, os sistemas cardiovascular, respiratório, renal e digestivo. CONTEÚDO: A proposta da presente revisão foi levantar a importância das fases da doença em processo, que podem influenciar no controle da anestesia antes, durante e após a cirurgia, destacando a experiência dos autores em uma avaliação retrospectiva dos casos de pacientes portadores de artrite reumatoide juvenil (ARJ submetidos a próteses ortopédicas, com ênfase para as técnicas de intubação. CONCLUSÕES: Pacientes com artrite reumatoide podem apresentar um bom número de problemas complexos para o anestesiologista. Isso requer uma cuidadosa avaliação pré-operatória; a anestesia requer experiência com a técnica e o cuidado pós-operatório deve ser criteriosamente escolhido para atender à necessidade específica do paciente. O procedimento demanda efetiva comunicação entre cirurgião, reumatologista e anestesiologista, para que cada membro do grupo multidisciplinar contribua com sua experiência, visando a um melhor benefício ao paciente.

  19. Avaliação da memória sob anestesia venosa total

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Gulistan Aktas

    2013-06-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: Neste estudo, objetivamos avaliar a memória implícita e explícita em pacientes submetidos à cirurgia abdominal sob anestesia venosa total (AVT com propofol e remifentanil, na qual o nível de anestesia foi controlado pelo monitoramento do índice bispectral (BIS. MÉTODO: Anestesia venosa total foi administrada a 60 pacientes adultos para obter níveis de BIS de 40-60. Os pacientes foram randomicamente divididos em três grupos, de acordo com as gravações que ouviram. Os pacientes do grupo categoria (CT ouviram uma fita gravada contendo cinco nomes de animais. Os pacientes do grupo recordar palavras (RP ouviram uma fita gravada contendo cinco palavras de frequência média na língua turca, depois de adaptadas. Os pacientes do grupo controle (GC ouviram os sons do mar até o fim da cirurgia. Duas horas após a cirurgia, os testes foram administrados a cada paciente na sala de recuperação para avaliar a memória. RESULTADOS: Houve uma diferença entre os escores dos grupos CT e GC no Miniexame do Estado Mental (MMSE; todos os escores foram > 20. Os resultados dos testes de categoria e recordar palavras, aplicados para avaliar a memória implícita, não foram estatisticamente diferentes entre os grupos. Não houve evidência de memória implícita em nenhum dos pacientes. Um paciente lembrou-se de ouvir "o som de água" como uma prova de memória explícita. Onze pacientes declararam não ter sonhado. CONCLUSÕES: Apesar de não termos encontrado nenhuma evidência de memória implícita sob anestesia adequada com AVT, um paciente apresentou memória explícita. Embora a profundidade adequada da anestesia fornecida pelo monitoramento do BIS corrobore nossos resultados para a memória implícita, ela não explica os resultados para a memória explícita.

  20. Anestesia para obesidade mórbida Anestesia para obesidad mórbida Anesthesia for morbid obesity

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Michelle Nacur Lorentz

    2007-04-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: A obesidade mórbida é uma doença muito freqüente em nosso meio, enquanto nos EUA já assumiu caráter epidêmico. O paciente obeso apresenta uma série de alterações fisiopatológicas, além de importantes comorbidades, o que exige do anestesiologista pleno conhecimento da fisiopatologia da doença. O procedimento cirúrgico de redução gástrica tem sido cada vez mais realizado e o período perioperatório apresenta características únicas com alterações cardiovascular e pulmonar que o tornam um verdadeiro desafio para os profissionais envolvidos. O hospital também deve estar preparado para receber esses pacientes, com equipamentos adequados, equipe multidisciplinar e cuidados pós-operatórios. O objetivo deste estudo foi demonstrar que o paciente obeso mórbido não é apenas um paciente com excesso de peso, e, portanto, procurou-se nortear as principais condutas a serem observadas. CONTEÚDO: São apresentadas neste artigo as principais alterações fisiopatológicas do obeso mórbido, bem como dados de epidemiologia e doenças correlacionadas. É realizada uma revisão das doses dos medicamentos usados na anestesia, bem como a melhor abordagem pré-, intra- e pós-operatória pelo anestesiologista. CONCLUSÕES: A abordagem do paciente com obesidade mórbida exige um planejamento minucioso que se inicia na seleção dos pacientes, tem continuidade com pré-operatório detalhado e intra-operatório individualizado, e se estende até o pós-operatório, quando a incidência de complicações pulmonar, cardiovascular e infecciosa é maior que na população não-obesa. Para que os resultados sejam favoráveis é extremamente importante o envolvimento de uma equipe multiprofissional que inclui Clínica Geral, Anestesiologia, Cirurgia Geral, Enfermagem, Psicologia, Fisioterapia, Nutrologia e Terapia Intensiva.JUSTIFICATIVA Y OBJETIVOS: La obesidad mórbida es una enfermedad muy frecuente en nuestro medio

  1. Anestesia para separação de gêmeos isquiópagos no período neonatal: relato de caso Anestesia para separación de gemelos isquiópagos en el período neonatal Anesthetic management for neonatal conjoined twins separation: case report

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Norma Sueli Pinheiro Módolo

    2002-07-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: A separação de gêmeos unidos causa grande interesse devido à complexidade da anestesia e cirurgia, à raridade da patologia e às poucas chances de sobrevida. O objetivo desta descrição é o de contribuir para a literatura existente, relatando os desafios encontrados por nossa equipe no atendimento à cirurgia-anestesia de separação de gêmeos isquiópagos. RELATO DO CASO: Pacientes gêmeos, nascidos a termo, de parto cesariano, pesando juntos 5.100 g, classificados como isquiópagus tetrapus. Duas equipes anestésico-cirúrgicas estavam presentes, sendo o procedimento anestésico esquematizado com aparelho de anestesia, cardioscópio, capnógrafo, oxímetro de pulso, termômetro elétrico, estetoscópio esofágico, todos em dobro. Realizou-se indução anestésica com halotano e fentanil, com os gêmeos em posição lateral e com rotação da cabeça em 45º para facilitar a intubação traqueal. Os recém-nascidos foram mantidos em ventilação controlada manualmente, utilizando o sistema de Rees-Baraka. A anestesia foi mantida com halotano, oxigênio e fentanil. Durante o per-operatório, foram encontrados órgãos abdominais duplos, com exceção do cólon, que era único. As bexigas e os ísquios estavam ligados. Ao final da cirurgia as duas crianças apresentavam-se com sinais vitais estáveis. Os gêmeos permaneceram na Unidade de Terapia Intensiva (UTI Neonatal por quatro semanas e receberam alta em bom estado geral. CONCLUSÕES: Ressalta-se a importância do entrosamento da equipe, do estudo retrospectivo multidisciplinar, da monitorização adequada e acurada observação clínica; todos esses fatores contribuíram para a boa evolução e alta dos gêmeos.JUSTIFICATIVA Y OBJETIVOS: La separación de gemelos unidos causa gran interés debido a la complexidad de la anestesia y cirugía, a la raridad de la patología y a las pocas chances de sobrevida. El objetivo de esta descripción es el de contribuir

  2. Anestesia para cesariana em gestante com hipoplasia de aorta distal: relato de caso Anestesia para cesárea en embarazada con hipoplasia de aorta distal: relato de caso Anesthesia for cesarean section on a pregnant woman with hypoplasia of the distal aorta: case report

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Leonardo de Andrade Reis

    2008-02-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: Anomalias vasculares maternas, potencialmente graves para o feto, podem colocar em risco a perfusão uterina, suscitando cuidados ainda maiores por parte da equipe anestésica. O objetivo deste relato foi mostrar a conduta anestésica para operação cesariana em uma gestante com hipoplasia de aorta distal, logo abaixo da emergência das artérias renais, com estenose da artéria renal e ausência de artérias ilíacas. RELATO DO CASO: Paciente de 30 anos, 54 kg, na segunda gestação com uma cesariana anterior sem intercorrências. Durante a realização de ecografia gestacional na 12ª semana observou-se interrupção da aorta logo abaixo da saída das artérias renais. A paciente foi encaminhada para a realização de cineangiocoronariografia que mostrou hipoplasia da aorta distal abaixo das artérias renais, com ausência das artérias ilíacas. Durante a investigação clínica a paciente mostrou-se assintomática, com exceção de hipertensão arterial e claudicação aos grandes esforços. A paciente foi submetida à anestesia peridural contínua, com titulação da dose anestésica necessária à realização da cesariana. Inicialmente foram injetados 50 mg de bupivacaína a 0,5% sem vasoconstritor e 10 µg de sufentanil. Quinze minutos após, a anestesia foi complementada com mais 25 mg de bupivacaína a 0,5%, o que foi suficiente para atingir adequado nível de bloqueio. A cesariana transcorreu sem intercorrências e a criança nasceu em boas condições clínicas. CONCLUSÕES: O uso de anestesia peridural contínua com doses fracionadas demonstrou ser uma técnica anestésica segura para a realização desse procedimento por reduzir os riscos de hipotensão arterial materna inerente ao bloqueio espinal e também por minimizar a transferência placentária de fármacos, que ocorrem quando do emprego da anestesia geral. A titulação de fármacos através do cateter peridural possibilitou atingir nível anest

  3. Meningitis tras anestesia espinal Meningitis after a spinal anesthesia

    OpenAIRE

    A. L. Vázquez-Martínez; F. Castro; G. Illodo; E. Freiré; M. A. Camba

    2008-01-01

    La meningitis post-punción es una importante complicación de la anestesia espinal. Describimos el caso de un varón de cuarenta y seis años que ingresó para tratamiento quirúrgico de una hernia umbilical, la cirugía se realizó bajo anestesia intradural. Tras la intervención el paciente comenzó con un cuadro clínico compatible con meningitis, que se confirmó tras examen del líquido cefalorraquídeo. Se trató con antibióticos a pesar de la no identificación de gérmenes, siendo la evolución favora...

  4. Prótesis fija con anestesia acupuntural Fixed prosthesis with acupuncture anesthesia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marcia Hortensia Corona Carpio

    2006-09-01

    Full Text Available Se presenta un caso de una paciente femenina de 72 años de edad con antecedentes alérgicos a la anestesia dental y preocupación de rehabilitar su estética con prótesis fija. Se decidió aplicar anestesia acupuntural en la preparación de los pilares para recibir el puente fijo. Se exponen las técnicas y los resultados obtenidos. No se manifestaron reacciones adversas. La paciente evolucionó satisfactoriamente con el tratamiento alternativo realizado.

  5. Anestesia Diploica em Endodontia

    OpenAIRE

    Macedo, Ricardo Ribeiro Veiga de

    2013-01-01

    Trabalho final do 5º ano com vista à atribuição do grau de mestre no âmbito do ciclo de estudos de Mestrado Integrado em Medicina Dentária apresentado à Faculdade de Medicina da Universidade de Coimbra. Objetivos Comparar a eficácia das técnicas de anestesia convencionais, a anestesia infiltrativa periapical, com a anestesia diploica. Metodologia Foram selecionados 32 voluntários, saudáveis, aos quais foram administradas ambas as técnicas anestésicas no dente 1.4. Numa primeira fase os...

  6. Estrategias de Control en la Práctica de Anestesia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Juan Albino Méndez Pérez

    2011-07-01

    Full Text Available Resumen: Este artículo se centra en el modelado y control de la hipnosis durante la anestesia de pacientes sometidos a intervenciones quirúrgicas. Por un lado en este trabajo se aborda el problema del modelado del proceso presentando resultados validados con pacientes reales. Asimismo, se propone un controlador avanzado para regular el estado hipnótico. El algoritmo empleado se basa en combinar una acción nominal obtenida a partir de la dinámica inversa juntamente con una acción correctora que se obtiene a partir de un controlador predictivo. El trabajo persigue desarrollar una técnica que permita la regulación del estado del paciente y que tenga características de adaptabilidad a los diferentes individuos. Se muestran resultados preliminares de la estrategia propuesta para demostrar la eficiencia del sistema. Palabras clave: Anestesia, BIS, Propofol, Control, Control PID, Control Predictivo, Control Adaptativo

  7. Anestesia para cirurgia ortopédica em criança com susceptibilidade à hipertermia maligna: relato de caso Anestesia para cirugía ortopédica en niño con susceptibilidad a la hipertermia maligna: relato de caso Anesthesia for orthopedic surgery in a child susceptible to malignant hyperthermia: case report

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Renato Santiago Gomez

    2003-02-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: Hipertermia maligna é uma miopatia autossômica dominante desencadeada por anestésicos inalatórios e bloqueadores neuromusculares, como halotano e succinilcolina, causando aumento da temperatura que pode ser fatal sem o tratamento imediato. O objetivo deste relato é descrever a conduta anestésica em uma criança susceptível à hipertermia maligna que foi submetida a procedimento cirúrgico ortopédico. RELATO DO CASO: Paciente do sexo feminino, com 3 anos, portadora de luxação congênita do quadril e susceptibilidade à hipertermia maligna, conforme história de anestesia anterior, foi submetida à correção cirúrgica ortopédica sob anestesia geral, com propofol e fentanil, associada à anestesia peridural lombar. A temperatura da paciente foi monitorizada continuamente durante a cirurgia e no período pós-operatório. A paciente apresentou recuperação pós-operatória sem intercorrências e recebeu alta hospitalar após cinco dias. CONCLUSÕES: A combinação de anestesia regional e venosa para o procedimento cirúrgico proposto em paciente com susceptibilidade à hipertermia maligna permitiu a condução anestésica com segurança.JUSTIFICATIVA Y OBJETIVOS: Hipertermia maligna es una miopatia autosómica dominante desencadenada por anestésicos inhalatorios y bloqueadores neuromusculares, como halotano y succinilcolina, causando aumento de la temperatura que puede ser fatal sin el tratamiento inmediato. El objetivo de este relato es describir la conducta anestésica en un niño susceptible a la hipertermia maligna que fue sometida a procedimiento quirúrgico ortopédico. RELATO DEL CASO: Niño, del sexo femenino, con 3 años, portadora de luxación congénita del cuadril (anca y susceptibilidad a la hipertermia maligna, conforme historia de anestesia anterior, fue sometida a la corrección quirúrgica ortopédica bajo anestesia general, con propofol y fentanil, asociada a anestesia peridural lumbar. La

  8. Anestesia para ventriculostomia por via endoscópica para tratamento de hidrocefalia: relato de casos Anestesia para ventriculostomía por vía endoscópica para tratamiento de hidrocefalia: relato de casos Anesthesia for endoscopic ventriculostomy for the treatment of hydrocephalus: case report

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Friederike Wolff Valadares

    2007-02-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: A terceiro-ventriculostomia endoscópica está se tornando um procedimento de rotina entre as intervenções neurocirúrgicas infantis. Entretanto, relatos sobre anestesia para crianças submetidas a tais procedimentos ainda são escassos. O objetivo desta série de casos foi demonstrar os cuidados e a eficácia do método empregado. RELATO DOS CASOS: Foram avaliadas retrospectivamente 38 crianças abaixo de 2 anos que se submeteram à terceiro-ventriculostomia neuroendoscópica para tratamento de hidrocefalia obstrutiva no período de 1999 a 2004 no Biocor Instituto. Foram estudados o diagnóstico, comorbidades, idade, peso, técnica anestésica, monitorização e as complicações intra e pós-operatórias. Todos os pacientes, entre 1 semana e 20 meses, apresentavam hidrocefalia obstrutiva por compressão do aqueduto de etiologia variada. A indução anestésica em 35 crianças foi por via inalatória e por via venosa em três delas. A monitorização de 34 pacientes foi com eletrocardiograma, oxímetro de pulso, capnógrafo e termômetro esofágico, sendo quatro crianças monitorizadas com pressão arterial invasiva contínua. A manutenção da anestesia em 15 pacientes foi balanceada com fentanil e isoflurano e em outros 23 pacientes inalatória com isoflurano. Trinta e cinco crianças foram extubadas após o procedimento na sala cirúrgica e outras três no CTI. Seis pacientes foram encaminhados ao CTI após a extubação. Complicações observadas: disritmias cardíacas sem repercussão hemodinâmica no intra-operatório (seis casos. Dois pacientes tiveram sangramento intra-operatório, mas somente um deles demandou implante de derivação ventricular externa. As complicações no pós-operatório foram: vômitos (6, picos febris (4 convulsões (2, laringoespasmo (1 e estridor laríngeo (1. CONCLUSÕES: A terceiro-ventriculostomia apresenta baixa incidência de complicações mesmo em pacientes com menos de 24

  9. Anestesia em anã acondroplásica obesa mórbida para gastroplastia redutora Anestesia en enana acondroplásica obesa mórbida para gastroplastia reductora Anesthesia for bariatric surgery in an achondroplastic dwarf with morbid obesity

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria Angélica Abrão

    2009-02-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: A acondroplasia é a forma mais comum entre os diversos tipos de osteocondrodisplasias causadoras do nanismo. O anão pode ser acometido de obesidade com relativa frequência e o tratamento cirúrgico tem demonstrado maior eficácia tanto para a perda efetiva de peso quanto para a sua manutenção a longo prazo. O objetivo deste trabalho foi apresentar um caso de gastroplastia redutora com derivação intestinal em Y-de-Roux em anão acondroplásico obeso mórbido. Foram analisadas as diversas dificuldades encontradas no manuseio anestésico deste paciente e a maneira pela qual foram abordadas, objetivando a diminuição da morbimortalidade no intra-operatório. RELATO DO CASO: Paciente de 29 anos, feminina, anã com acondroplasia e obesidade mórbida desde a infância. Suas medidas eram de 123 cm de altura e peso corporal de 144 kg. Com índice de massa corporal (IMC de 95,18 kg.m-2, apresentava várias doenças associadas, sobretudo dos sistemas respiratório e osteoarticular. Após longo período de acompanhamento com dieta, exercícios físicos e apoio psicológico, a paciente melhorou sua condição clínica, sendo encaminhada para a realização da operação proposta: gastroplastia redutora à Capella-Fobi. Na anestesia houve dificuldade na intubação traqueal acordada sob laringoscopia direta, sendo necessária a utilização do broncofibroscópio. Transcurso intra-operatório sem complicações, sendo mantida sob anestesia geral venosa total com infusão contínua de remifentanil e propofol. Extubada ao final do procedimento na sala cirúrgica. CONCLUSÕES: As comorbidades simultâneas da acondroplasia e da obesidade mórbida podem dificultar o manuseio anestésico, sobretudo em relação às vias aéreas. É necessário uma avaliação pré-anestésica bem conduzida para antecipar condutas e minimizar esses riscos, otimizando, assim, a condução da anestesia.JUSTIFICATIVA Y OBJETIVOS: La acondroplasia es la

  10. Aplicação do monitor Narcotrend® para avaliar a profundidade da anestesia em crianças submetidas à cirurgia cardíaca: estudo prospectivo e controlado Aplicación del monitor Narcotrend® para evaluar la profundidad de la anestesia en niños sometidos a la cirugía cardíaca: estudio prospectivo y controlado Application of Narcotrend® monitor for evaluation of depth of anesthesia in infants undergoing cardiac surgery: a prospective control study

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Yiyan Jiang

    2013-06-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: Investigar a eficácia clínica, segurança e viabilidade do monitor Narcotrend® para avaliar a profundidade da anestesia em crianças com doença cardíaca congênita (DCC submetidas à cirurgia cardíaca. MÉTODOS: Foram randomicamente selecionadas 80 crianças submetidas à anestesia geral em cirurgia seletiva. As crianças foram divididas em dois grupos de forma aleatória (n = 40 por grupo. No grupo Narcotrend, a profundidade da anestesia foi monitorada com o Narcotrend. No grupo padrão, a profundidade da anestesia foi controlada de acordo com a experiência clínica. A pressão arterial média (PAM e a frequência cardíaca (FC foram determinadas e a dose de fentanil e relaxante muscular e os tempos de recuperação e de extubação foram registrados. RESULTADOS: Em ambos os grupos, os sinais vitais apresentaram-se estáveis durante a cirurgia. No grupo Narcotrend, a PAM e a FC foram mais estáveis, a dose total de fentanil e relaxante muscular significativamente menor e os tempos de recuperação e extubação acentuadamente mais reduzidos em comparação com o grupo padrão. CONCLUSÃO: A aplicação do monitor Narcotrend para medir a profundidade da anestesia foi útil para controlar a profundidade da anestesia em crianças com DCC que receberam anestesia intravenosa total, na qual uma pequena quantidade de narcóticos pode obter a anestesia ideal. Além disso, os tempos de recuperação e extubação foram menores e os efeitos secundários, como sensibilização intraoperatória, puderam ser evitados.JUSTIFICATIVA Y OBJETIVOS: Investigar la eficacia clínica, la seguridad y la viabilidad del monitor Narcotrend® para evaluar la profundidad de la anestesia en niños con enfermedad cardíaca congénita (ECC sometidos a la cirugía cardíaca. MÉTODOS: Un total de 80 niños sometidos a la anestesia general en cirugía selectiva fueron seleccionados aleatoriamente. Los niños fueron divididos en dos grupos de

  11. Manejo anestésico e complicações no implante percutâneo de válvula aórtica Manejo anestésico y complicaciones en el implante percutáneo de válvula aórtica Anesthetic management and complications of percutaneous aortic valve implantation

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Tailur Alberto Grando

    2013-06-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: A estenose aórtica (EA grave é uma doença prevalente e de grande mortalidade. Nos pacientes idosos com outras comorbidades o implante valvar percutâneo é uma opção. OBJETIVOS: Descrever o manejo anestésico e as complicações com anestesia geral. MÉTODO: Série de casos com seguimento de 30 dias e 24 meses após o implante do dispositivo CoreValve feito no Instituto de Cardiologia/Fundação Universitária de Cardiologia entre dezembro de 2008 e janeiro de 2012. Os pacientes foram submetidos à anestesia geral monitorada com pressão arterial média (PAM, eletrocardiograma (ECG, oximetria, capnografia, ecocardiograma transesofágico, termometria e marcapasso transvenoso. RESULTADOS: Foram submetidos com sucesso ao implante valvular 28 pacientes, com idade média de 82,46 anos, EuroScore médio de 20,98%, classe funcional III/IV. Nove pacientes necessitaram de implante de marcapasso definitivo. No seguimento dos pacientes houve dois óbitos, um no transoperatório por perfuração do VE e um no terceiro dia por causa desconhecida. Em 24 meses um paciente faleceu com diagnóstico de mieloma múltiplo. A técnica anestésica mostrou-se segura. CONCLUSÃO: A experiência inicial com implante valvular aórtico percutâneo sob anestesia geral tem se mostrado segura e eficaz sem complicações anestésicas importantes para esse procedimento.JUSTIFICATIVA Y OBJETIVOS: La estenosis aórtica (EA grave es una enfermedad prevalente y de gran mortalidad. En los pacientes ancianos con otras comorbilidades, el implante valvular percutáneo es una opción. OBJETIVOS: Describir el manejo anestésico y las complicaciones con la anestesia general. MÉTODO: Serie de casos con seguimiento de 30 días y 24 meses después del implante del dispositivo CoreValve hecho en el Instituto de Cardiología/Fundación Universitaria de Cardiología entre diciembre de 2008 y enero de 2012. Los pacientes fueron sometidos a la anestesia general

  12. Avaliação da memória sob anestesia venosa total Evaluación de la memoria bajo anestesia venosa total The assessment of memory under total intravenous anesthesia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Gulistan Aktas

    2013-06-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: Neste estudo, objetivamos avaliar a memória implícita e explícita em pacientes submetidos à cirurgia abdominal sob anestesia venosa total (AVT com propofol e remifentanil, na qual o nível de anestesia foi controlado pelo monitoramento do índice bispectral (BIS. MÉTODO: Anestesia venosa total foi administrada a 60 pacientes adultos para obter níveis de BIS de 40-60. Os pacientes foram randomicamente divididos em três grupos, de acordo com as gravações que ouviram. Os pacientes do grupo categoria (CT ouviram uma fita gravada contendo cinco nomes de animais. Os pacientes do grupo recordar palavras (RP ouviram uma fita gravada contendo cinco palavras de frequência média na língua turca, depois de adaptadas. Os pacientes do grupo controle (GC ouviram os sons do mar até o fim da cirurgia. Duas horas após a cirurgia, os testes foram administrados a cada paciente na sala de recuperação para avaliar a memória. RESULTADOS: Houve uma diferença entre os escores dos grupos CT e GC no Miniexame do Estado Mental (MMSE; todos os escores foram > 20. Os resultados dos testes de categoria e recordar palavras, aplicados para avaliar a memória implícita, não foram estatisticamente diferentes entre os grupos. Não houve evidência de memória implícita em nenhum dos pacientes. Um paciente lembrou-se de ouvir "o som de água" como uma prova de memória explícita. Onze pacientes declararam não ter sonhado. CONCLUSÕES: Apesar de não termos encontrado nenhuma evidência de memória implícita sob anestesia adequada com AVT, um paciente apresentou memória explícita. Embora a profundidade adequada da anestesia fornecida pelo monitoramento do BIS corrobore nossos resultados para a memória implícita, ela não explica os resultados para a memória explícita.JUSTIFICATIVA Y OBJETIVOS: En este estudio evaluamos la memoria implícita y explícita en pacientes sometidos a la cirugía abdominal bajo anestesia venosa total

  13. Anestesia subaracnóidea em crianças Anestesia subaracnóidea en niños Spinal anesthesia in children

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Norma Sueli Pinheiro Módolo

    2001-12-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: Tem aumentado muito o emprego da anestesia subaracnóidea em crianças, principalmente neonatos com risco de desenvolver apnéia neonatal. O objetivo deste trabalho foi rever as diferenças anatômicas, fisiológicas e farmacológicas desta técnica em crianças. CONTEÚDO: A anestesia subaracnóidea em crianças, apesar de ter sido técnica empregada desde o início do século XX, teve sua popularidade diminuída com o advento dos anestésicos inalatórios e bloqueadores neuromusculares, para ser novamente resgatada em 1979. As características favoráveis desta técnica em pediatria são relativas à estabilidade cardiovascular, em crianças de até 8 anos de idade, à analgesia satisfatória e ao relaxamento muscular. Os anestésicos mais utilizados em crianças são a tetracaína e a bupivacaína, cujas doses são ajustadas tomando-se por base o peso corporal. Esta técnica é limitada pela duração relativamente curta, devendo ser utilizada para procedimentos cirúrgicos que não ultrapassem 90 minutos e também pela analgesia não abranger o pós-operatório. As complicações são as mesmas encontradas no paciente adulto, incluindo cefaléia por punção dural e irritação radicular transitória. As indicações são várias: cirurgias de abdômen inferior, genitália, membros inferiores, região perineal e, em alguns casos, até em cirurgias torácicas. Seu emprego tem particular interesse nos recém-nascidos prematuros, pelo risco de apresentarem a apnéia da prematuridade. CONCLUSÕES: A anestesia subaracnóidea em crianças é técnica relativamente segura, com poucas complicações e pode ser considerada como opção para anestesia geral, principalmente nos recém-nascidos prematuros com risco de apresentarem complicações respiratórias no pós-operatório.JUSTIFICATIVA Y OBJETIVOS: Ha aumentado mucho el empleo de la anestesia subaracnóidea en niños, principalmente neonatos con riesgo de desarrollar

  14. Manejo anestésico e complicações no implante percutâneo de válvula aórtica

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Tailur Alberto Grando

    2013-06-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: A estenose aórtica (EA grave é uma doença prevalente e de grande mortalidade. Nos pacientes idosos com outras comorbidades o implante valvar percutâneo é uma opção. OBJETIVOS: Descrever o manejo anestésico e as complicações com anestesia geral. MÉTODO: Série de casos com seguimento de 30 dias e 24 meses após o implante do dispositivo CoreValve feito no Instituto de Cardiologia/Fundação Universitária de Cardiologia entre dezembro de 2008 e janeiro de 2012. Os pacientes foram submetidos à anestesia geral monitorada com pressão arterial média (PAM, eletrocardiograma (ECG, oximetria, capnografia, ecocardiograma transesofágico, termometria e marcapasso transvenoso. RESULTADOS: Foram submetidos com sucesso ao implante valvular 28 pacientes, com idade média de 82,46 anos, EuroScore médio de 20,98%, classe funcional III/IV. Nove pacientes necessitaram de implante de marcapasso definitivo. No seguimento dos pacientes houve dois óbitos, um no transoperatório por perfuração do VE e um no terceiro dia por causa desconhecida. Em 24 meses um paciente faleceu com diagnóstico de mieloma múltiplo. A técnica anestésica mostrou-se segura. CONCLUSÃO: A experiência inicial com implante valvular aórtico percutâneo sob anestesia geral tem se mostrado segura e eficaz sem complicações anestésicas importantes para esse procedimento.

  15. Anestesia no paciente usuário de cocaína Anestesia en el paciente usuario de cocaína Anesthesia in cocaine users

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ana Luft

    2007-06-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: A cocaína é a droga ilícita mais freqüentemente associada a óbitos, e suas implicações perioperatórias nos pacientes agudamente intoxicados ou com história de uso crônico precisam ser bem conhecidas pelos anestesiologistas. O conhecimento da neurofisiologia, da farmacologia e das conseqüências fisiopatológicas decorrentes do uso da cocaína poderá facilitar o cuidado desses pacientes. O objetivo deste trabalho foi revisar as informações sobre a cocaína e suas interações com a anestesia. CONTEÚDO: O artigo discute a farmacologia da cocaína, as conseqüências fisiopatológicas decorrentes do seu uso e as interações com a anestesia. CONCLUSÕES: A compreensão e o reconhecimento precoce das complicações associadas ao uso de cocaína são essenciais para o manuseio adequado de pacientes usuários desta droga. O anestesiologista deve estar preparado, pois tanto as anestesias regionais quanto a geral apresentam riscos significativos nesses pacientes.JUSTIFICATIVA Y OBJETIVOS: La cocaína es la droga ilícita más frecuentemente asociada a decesos, y sus implicaciones perioperatorias en los pacientes agudamente intoxicados o con historial de uso crónico necesitan ser muy bien conocidas por los anestesiólogos. El conocimiento de la neurofisiología, de la farmacología y de las consecuencias fisiopatológicas provenientes del uso de la cocaína podrá facilitar el cuidado de esos pacientes. El objetivo de este trabajo fue revisar las informaciones sobre la cocaína y sus interacciones con la anestesia. CONTENIDO: El artículo discute la farmacología de la cocaína, las consecuencias fisiopatológicas provenientes de su uso y las interacciones con la anestesia. CONCLUSIONES: La comprensión y el reconocimiento precoz de las complicaciones asociadas al uso de la cocaína son esenciales para el manejo adecuado de pacientes usuarios de esa droga. El anestesiólogo debe estar preparado, pues tanto las

  16. Anestesia para cesariana em paciente com síndrome de Guillain-Barré: relato de caso

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Daniel Volquind

    2013-08-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: A Síndrome de Guillain-Barré durante a gestação é considerada uma CIRURGIA, Cesárea; complicação neurológica rara e o manejo anestésico para a cesariana nessas pacientes ainda não é consenso na literatura. O objetivo deste artigo é relatar o caso de uma paciente gestante portadora da Síndrome de Guillain-Barré submetida à cesariana. RELATO DO CASO: Paciente feminina, 22 anos, com 35 semanas e cinco dias de idade gestacional, da celularidade. A técnica anestésica empregada foi a anestesia geral, induzida com propofol 1,5 mg.kg-1 e mantida com sevofiurano 2% em oxigênio e fentanil 3 µg.kg-1. O procedimento transcorreu sem complicações, tanto para a gestante quanto para o concepto. A paciente obteve alta no décimo dia de internação, após melhora progressiva do quadro neurológico. CONCLUSÕES: A técnica anestésica a ser empregada em gestantes portadoras da Síndrome de Guillain-Barré que necessitam fazer cesariana permanece como escolha do anestesiologista, que deve ser guiado pelo quadro clínico e pelas comorbidades de cada paciente.

  17. Videolaringoscopios en Anestesia Obstétrica

    OpenAIRE

    Acosta Martínez, Jesús

    2016-01-01

    En cualquier escenario, la Vía Aérea Difícil (VAD) es la mayor causa de morbilidad y mortalidad relacionada con la intubación. En el contexto de la anestesia general de la paciente obstétrica, el manejo de la vía aérea toma especial relevancia dada la alta prevalencia de intubaciones dificultosas y/o fallidas, a pesar de los múltiples avances recientes en la materia. Las complicaciones de la anestesia general persisten como causa de mortalidad asociada a la anestesia en las mujeres embaraz...

  18. Efeitos fetais e maternos do propofol, etomidato, tiopental e anestesia epidural, em cesariana eletivas de cadelas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Lavor Mário Sérgio Lima de

    2004-01-01

    Full Text Available O objetivo deste trabalho foi comparar os efeitos entre os fármacos indutores de anestesia como propofol, etomidato e tiopental, e a anestesia epidural com lidocaína seguida de indução, em cadelas submetidas à cesariana, e seus neonatos. Para tanto, foram utilizadas 20 cadelas e 129 filhotes distribuídos em quatro grupos. No grupo 1 (5 cadelas e 39 neonatos, a indução anestésica foi feita com propofol; no grupo 2 (5 cadelas e 25 neonatos, com etomidato; no grupo 3 (5 cadelas e 26 neonatos com tiopental e no grupo 4, (5 cadelas e 39 neonatos utilizou-se anestesia epidural e indução com halotano através de máscara. Em todos os casos, a medicação pré-anestésica foi feita com midazolam na dose de 0,22mg kg-1 via IM, e a manutenção anestésica com halotano em circuito semifechado e concentração inicial de 3V%. As variáveis avaliadas nas cadelas foram: temperatura retal, freqüência cardíaca, freqüência respiratória, saturação da oxi-hemoglobina (SpO2, pressão arterial média. Para a avaliação dos recém-nascidos, foram mensurados: freqüência cardíaca, esforço respiratório, movimentos musculares, coloração das mucosas e irritabilidade reflexa interpretados através do escore de Apgar modificado, bem como a SpO2 do neonato. Os resultados mostraram que todos os protocolos foram adequados para as mães com mínimos efeitos sistêmicos. Para o neonato, a utilização de anestesia epidural na mãe, seguida de indução e manutenção com halotano foi superior aos protocolos que usaram agentes injetáveis na indução anestésica.

  19. Anestesia extra-dural en el parto

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Alberto Cárdenas Escobar

    1956-05-01

    Full Text Available Desde que A. J. Corning practicó en 1885 la primera inyección de una solución de cocaína en el espacio epidural, diversos métodos anestésicos que utilizan este espacio han sido ensayados, tanto en cirugía como en obstetricia. Sicard y Cathelin, en 1901, usaron el hiatus sacro para anestesia epidural en operaciones urológicas. Stoeckel y Schlimpert en 1911 fueron los primeros en emplear este método en obstetricia. Reemplazaron la cocaína por novocaína. recientemente preparada, y lograron analgesia bastante satisfactoria durante 30 minutos a 1 hora, en casos seleccionados

  20. Anestesia regional para cirugía cardiovascular pediátrica

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Lincoln de la Parte Pérez

    2004-03-01

    Full Text Available Durante los últimos años se han publicado numerosos artículos sobre el uso de anestesia espinal y peridural asociada a la anestesia general, en niños sometidos a operaciones cardiovasculares. El uso de esta técnica produce una disminución significativa de la respuesta de estrés que se observa durante y después de las operaciones cardiovasculares y que es particularmente intensa en recién nacidos y lactantes. Adicionalmente produce una mejor función pulmonar, mayor estabilidad hemodinámica, posibilidad de extubación precoz, excelente analgesia posoperatoria y una menor estadía en la sala de recuperación anestésica. Las complicaciones más importantes asociadas a su uso son la hipotensión arterial, la depresión respiratoria y el hematoma epidural. Las contraindicaciones más importantes para la realización de estas técnicas incluyen la presencia de cianosis, policitemia, coagulopatía preexistente y en los lactantes menores de 6 meses. Existe además un dilema ético importante relacionado con su uso. Por una parte es cierto que pueden obtenerse un grupo de ventajas, que también podrían lograrse con la aplicación de otras técnicas encaminadas a la extubación precoz (Fast track cardiac anesthesia y por la otra, existe siempre el peligro latente de sangramiento y de formación de un hematoma epidural. Se realiza una revisión bibliográfica sobre las diferentes técnicas utilizadas.Several articles have been published on the use of spinal and epidural anesthesia associated with general anesthesia in children undergoing cardiovascular surgery. The use of this technique causes a significant decrease of the stress response observed during and after cardiovascular surgery and that is particularly intense in newborns and infants. Besides, it produces a better pulmonary function, a longer hemodynamic stability, the possibility of fast track cardiac anesthesia, an excellent postoperative analgesia and a shorter stay in the

  1. Anestesia em paciente com insensibilidade congênita a dor e anidrose Anestesia en paciente con insensibilidad congénita al dolor y anhidrosis Anesthesia in a patient with congenital insensitivity to pain and anhidrosis

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Carlos Rogério Degrandi Oliveira

    2009-10-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: A insensibilidade congênita a dor e anidrose (ICDA ou neuropatia hereditária sensorial e autonômica tipo IV (NHSA tipo IV é neuropatia autossômica recessiva rara do grupo das neuropatias hereditárias sensoriais e autonômicas (NHSA, caracterizada por insensibilidade ao estímulo doloroso, anidrose e retardo mental. Existem poucos relatos sobre a conduta anestésica em pacientes com ICDA devido sua extrema raridade. O objetivo deste relato foi apresentar a conduta anestésica em paciente com ICDA submetida à artrodese de tornozelo esquerdo com colocação de haste e discutir as características de interesse para a anestesia nestes pacientes. RELATO DO CASO: Paciente com história de ICDA foi admitida para artrodese de tornozelo esquerdo devido à artropatia de Charcot. Na sala de operação foi monitorizada com eletrocardiógrafo, índice bispectral, SEF 95%, pressão arterial não invasiva e saturação periférica da hemoglobina, medicada com midazolam como pré-anestésico e submetida à anestesia venosa com propofol e cisatracúrio. Não houve a necessidade de administração de analgésicos. Após intubação traqueal, foi acrescentada monitorização da pressão expiratória final do gás carbônico e da temperatura esofágica. Não apresentou complicações no período perioperatório. Teve alta hospitalar no segundo dia de pós-operatório. CONCLUSÕES: Embora apresentem insensibilidade à dor, alguns pacientes apresentam hiperestesia tátil, o que poderia causar sensações desagradáveis durante a manipulação cirúrgica. Apesar de relatos na literatura de pacientes submetidos a bloqueios no neuroeixo e até mesmo a procedimentos sem anestesia, neste caso utilizou-se a anestesia venosa que proporcionou condições adequadas para o procedimento anestésico-cirúrgico.JUSTIFICATIVA Y OBJETIVOS: La falta de sensibilidad congénita al dolor y la anhidrosis (ICDA o neuropatía hereditaria sensorial y auton

  2. Efedrina versus fenilefrina: prevenção de hipotensão arterial durante anestesia raquídea para cesariana e efeitos sobre o feto Efedrina versus fenilefrina: prevención de hipotensión arterial durante anestesia raquidea para cesárea y efectos sobre el feto Ephedrine versus phenylephrine: prevention of hypotension during spinal block for cesarean section and effects on the fetus

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Edno Magalhães

    2009-02-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: A hipotensão arterial durante a anestesia raquídea para cesariana deve-se ao bloqueio simpático e compressão aorto-cava pelo útero e pode ocasionar efeitos deletérios para o feto e a mãe. A efedrina e fenilefrina melhoram o retorno venoso após bloqueio simpático durante anestesia raquídea. O objetivo deste estudo foi comparar a eficácia da efedrina e da fenilefrina em prevenir e tratar a hipotensão arterial materna durante anestesia raquídea e avaliar seus efeitos colaterais e alterações fetais. MÉTODO: Sessenta pacientes, submetidas à anestesia raquídea com bupivacaína e sufentanil para cesariana, foram divididas aleatoriamente em dois grupos para receber, profilaticamente, efedrina (Grupo E, n = 30, dose = 10 mg ou fenilefrina (Grupo F, n = 30, dose = 80 µg. Hipotensão arterial (pressão arterial menor ou igual a 80% da medida basal foi tratada com bolus de vasoconstritor com 50% da dose inicial. Foram avaliados: incidência de hipotensão arterial, hipertensão arterial reativa, bradicardia e vômitos, escore de Apgar no primeiro e quinto minutos e gasometria do cordão umbilical. RESULTADOS: A dose média de efedrina foi 14,8 ± 3,8 mg e 186,7 ± 52,9 µg de fenilefrina. Os grupos foram semelhantes quanto aos parâmetros demográficos e incidência de vômitos, bradicardia e hipertensão arterial reativa. A incidência de hipotensão arterial foi de 70% no Grupo E e 93% no Grupo F (p JUSTIFICATIVA Y OBJETIVOS: La hipotensión arterial durante la anestesia raquídea para cesárea se debe al bloqueo simpático y a la compresión aortocava por el útero y puede ocasionar efectos malignos para el feto y su madre. La efedrina y fenilefrina mejoran el retorno venoso después del bloqueo simpático durante la anestesia raquídea. El objetivo de este estudio fue comparar la eficacia de la efedrina y de la fenilefrina en prevenir y tratar la hipotensión arterial materna durante la anestesia raquídea y

  3. Anestesia venosa total com infusão alvo-controlada de remifentanil e propofol para ablação de fibrilação atrial Anestesia venosa total con infusión objeto-controlada de remifentanil y propofol para ablación de la fibrilación atrial Total intravenous anesthesia with target-controlled infusion of remifetanil and propofol for ablation of atrial fibrillation

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fernando Squeff Nora

    2009-12-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: A ablação de fibrilação atrial (FA é um procedimento novo em nosso meio, embora seja comum em outros centros. A escolha da anestesia, monitores e cuidados anestesiológicos para esse procedimento, realizado fora do bloco cirúrgico, não tem sido descrita. O objetivo deste relato foi descrever uma técnica de anestesia para a realização de ablação de FA. RELATO DO CASO: Paciente feminina, 49 anos, 73 kg, 155 cm, ASA II por hipertensão arterial sistêmica. A monitorização constou de eletrocardiograma com 12 derivações, oximetria de pulso, frequência cardíaca, eletroencefalografia bispectral para medidas de BIS, taxa de supressão (SR e SEF95 e pressão arterial média (PAM. A indução anestésica foi realizada com propofol por via venosa, em infusão alvo-controlada (IAC, com alvo regulado em 4 µg.mL-1, remifentanil por via venosa, em IAC, com alvo de 3 ng.mL¹, e rocurônio por via venosa em bolus na dose de 0,2 mg.kg-1. O modelo farmacocinético de propofol utilizado foi o descrito por Marsh e incorporado à bomba de propofol PFS®. O modelo farmacocinético de remifentanil utilizado foi o descrito por Minto e incorporado à bomba de infusão Alaris PK®. As concentrações, no local efetor ou biofase, corresponderam às informações obtidas através das bombas de infusão e representaram medidas preditivas das concentrações de ambos os fármacos nos respectivos locais de ação. As concentrações de propofol e de remifentanil foram reguladas de acordo com o BIS e a PAM, respectivamente. CONCLUSÕES: A anestesia venosa total para ablação de FA pode ser uma opção segura, levando-se em conta que não há alteração da eletrofisiologia das vias acessórias. A literatura é escassa a este respeito e novas publicações poderão ou não justificar esta modalidade de anestesia durante ablação de FA.JUSTIFICATIVA Y OBJETIVOS: La ablación de fibrilación atrial (FA es un procedimiento nuevo en

  4. Anestesia para el tratamiento intraparto extraútero (EXIT) en fetos con diagnóstico prenatal de malformaciones cervical y oral: relato de casos

    OpenAIRE

    Helfer, Daniel Corrêa [UNIFESP; Clivatti, Jefferson [UNIFESP; Yamashita, Américo Massafuni [UNIFESP; Moron, Antonio Fernandes [UNIFESP

    2012-01-01

    JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: O feto com diagnóstico pré-natal de massa cervical, ou qualquer outra doença que obstrua as vias aéreas, não deve ser abordado de forma convencional por apresentar dois desafios ao médico assistente logo após o parto: o tempo limitado para se estabelecer o acesso a vias aéreas potencialmente difíceis e a ausência de anestesia do neonato caso seja necessária instrumentação das vias aéreas. O procedimento EXIT (ex utero intrapartum treatment - EXIT procedure) consiste...

  5. Anestesia para cesariana em paciente portadora de cardiomiopatia hipertrófica familiar: relato de caso Anestesia para cesária en paciente portadora de cardiomiopatía hipertrófica familiar: relato de caso Anesthesia for cesarean section in a patient with familiar hypertrophic cardiomyopathy: case report

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Renato Mestriner Stocche

    2007-12-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: A cardiomiopatia hipertrófica familiar (CHF é uma doença cardíaca rara, com transmissão hereditária, caracterizada por hipertrofia do septo ventricular e grau variável de estenose aórtica subvalvar. Nessa doença, o aumento da contratilidade do miocárdio e a diminuição da resistência vascular periférica podem agravar a obstrução da via de saída do VE, produzindo disritmia e isquemia cardíaca. Este relato objetivou discutir o manuseio anestésico para cesariana em paciente com CHF. RELATO DO CASO: Paciente com 33 semanas de gestação e diagnóstico prévio de CHF apresentou no holter de 24 horas 22 episódios de taquicardia ventricular não-sustentada (TVNS e dois episódios de taquicardia ventricular sustentada (TVS. Referia episódios de palpitação, dispnéia e dor precordial de curta duração. A paciente foi medicada com atenolol e apresentou controle dos sintomas e das disritmias cardíacas. Com 38 semanas e 5 dias de gestação a paciente foi submetida à cesariana eletiva. Além do habitual a monitorização contou com análise de segmento ST e pressão arterial invasiva. Utilizou-se anestesia raquiperidural com injeção de 5 µg de sunfentanil na raqui seguida de administração de bupivacaína a 0,375% em doses de incremento até atingir altura de T6 (total de 16 mL. Utilizou-se metaraminol como vasopressor. Não houve hipotensão arterial materna ou outras complicações no perioperatório. CONCLUSÕES: A anestesia geral é freqüentemente utilizada para cesarianas de pacientes com CHF. A anestesia raquiperidural com instalação lenta do bloqueio foi uma alternativa segura. Nessas pacientes, o aumento da contratilidade miocárdica deve ser evitado, devendo-se, se necessário, utilizar-se um a-agonista para correção de hipotensão arterial materna.JUSTIFICATIVA Y OBJETIVOS: La cardiomiopatía hipertrófica familiar (CHF es una enfermedad cardiaca rara con transmisión hereditaria

  6. An evaluation of new circle system of anesthesia. Quantitative anesthesia with isoflurane in new zealand rabbits Avaliação de um novo sistema circular de anestesia: anestesia quantitativa com isuflorane em coelhos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Neuber M. Fonseca

    1997-12-01

    Full Text Available A small circuit system of anesthesia was developed by Fonseca and Goldenberg in 1993. The authors used in this study New Zealand White (NZW rabbits under closed system anesthetic regiment by insoflurane. Twenty male adult New Zealand rabbits were distributed in two groups of ten animals. No premedicant drugs were given. Endotraqueal intubation was made after intravenous administration of propofol (10mg/kg. Insoflurane was used to anesthesia management, administred by lowflow closed system technique with cooper kettle vaporizer, fixed by pre-calculated vaporizing flow in double times intervals. The group II underwent surgical periostal scratching in the medial tibial surface at the proximal shaft. Rabbits breathed spontaneously. Hypotensio, hypercapnia and respiratory acidosis were characteristic of the cardiopulmonary effects of the anesthesia. The corneal reflex and pinch reflex was useful as reliable indicators of anesthesic depth. Manual or mechanical ventilation should be considered as a way of improving alveolar ventilation and normalize blood-gas values. The system developed by Fonseca and Goldenberg was considered suitable for anesthesic management in rabbits.Um sistema circular de anestesia para animais de pequeno porte foi desenvolvido por FONSECA e GOLDENBERG, em 1993. No presente estudo foram utilizados 20 coelhos brancos linhagem Nova Zelândia, submetidos ao sistema com isoflurane, distribuidos em dois grupos de 10 animais. O grupo I, controle, que foi apenas anestesiado e o grupo II foi submetido a raspagem periostal da parte proximal e medial da tíbia. Não foi administrada droga pré-anestésica. Após administração do propofol intravenoso (10mg/kg procedeu-se a intubação endotraqueal. O isuflorane foi administrado lentamente no sistema circular de anestesia. Os animais respiravam espontaneamente. Houve efeitos cardiorespiratórios conseqüentes da anestesia, tais como, hipotensão, hipercapnia e acidose respiratória. O

  7. Anestesia e síndrome do QT longo Anestesia e síndrome del QT largo Anesthesia and the long QT syndrome

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Michelle Nacur Lorentz

    2007-10-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: As disritmias cardíacas são fatores importantes de morbimortalidade no período perioperatório. Dentre as causas de disritmias, a síndrome do QT longo, tanto em sua forma genética como adquirida deve ser lembrada, já que muitos fármacos usados em anestesia, bem como ocorrências no período perioperatório podem prolongar o intervalo QT e precipitar disritmias cardíacas potencialmente malignas. CONTEÚDO: Revisão da síndrome do QT longo (LQTS, abordando suas causas e sua definição, assim como os mecanismos da doença. Além de citar vários fármacos implicados no prolongamento do intervalo QT, as abordagens anestésicas mais adequadas para os pacientes afetados são sugeridas. CONCLUSÃO: A síndrome do QT longo, possível causa de morbimortalidade intra e pós-operatória, pode estar relacionada com fármacos utilizados durante anestesia. Essa condição demanda conhecimento do anestesiologista a fim de evitar desfecho desfavorável do ato operatório.JUSTIFICATIVA Y OBJETIVOS: Las arritmias cardíacas son factores importantes de morbi mortalidad en el período perioperatorio. Entre las causas de arritmias, el síndrome del QT largo, tanto en su forma genética como adquirida debe ser recordado ya que muchos fármacos usados en anestesia, e incidencias en el período perioperatorio pueden prolongar el intervalo QT y precipitar arritmias potencialmente malignas. CONTENIDO: Revisión del Síndrome del QT largo (LQTS, abordando sus causas y definición, y los mecanismos de la enfermedad. Además de citar varios fármacos implicados en el prolongamiento del intervalo QT, los abordajes anestésicos más adecuadas para los pacientes afectados son sugeridas. CONCLUSIÓN: El síndrome del QT largo, posible causa de morbimortalidad intra y postoperatoria, puede estar relacionada a fármacos utilizados durante anestesia. Esa condición demanda conocimiento del anestesiólogo para evitar un desenlace no deseado de

  8. Insuficiência respiratória aguda durante anestesia pediátrica: atelectasia e pneumotórax hipertensivo: relato de caso

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Joel Massari Rezende

    2012-02-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: A tarefa primordial do anestesiologista é garantir a adequada oxigenação do paciente. O objetivo deste relato é des crever o diagnóstico e conduta em um caso de insuficiência respiratória aguda durante anestesia, com finalidade didática. RELATO DO CASO: Criança de três anos submetida à anestesia para cirurgia urológica apresentou insuficiência respiratória por obstruções de brônquios por secreção, evoluindo com atelectasia e pneumotórax hipertensivo. Apresentamos o desenrolar do caso, e os meios de tratamento aplicado, com destaque para a urgência e técnica da drenagem no pneumotórax hipertensivo. CONCLUSÕES: A atenção do anestesiologista para o diagnóstico precoce de complicações respiratórias e o conhecimento das medidas prioritárias em cada momento pode evitar efeitos adversos graves

  9. Espondilodiscitis secundaria a anestesia peridural Spondilodiscitis secondary to peridural anesthesia

    OpenAIRE

    Yvei González Orlandi; Luis Elizondo Barriel; Reinel Junco Martín; Jorge Rojas Manresa; Victor Duboy Limonta; Federico Córdova Armengol

    2010-01-01

    Se presenta el caso de un paciente con espondilodiscitis secundaria al uso de anestesia peridural lumbar para la resección transuretral de una hiperplasia fibroadenomatosa de la próstata. El cuadro clínico estuvo determinado por lumbalgia aguda con incremento progresivo que llevó al confinamiento en cama del paciente. En el examen físico del sistema osteomioarticular predominó la contractura paravertebral lumbar, así como en la palpación de esta región. En el examen neurológico no se encontra...

  10. Randomized clinical trial comparing spinal anesthesia with local anesthesia with sedation for loop colostomy closure Ensaio clínico randomizado comparando raquianestesia com anestesia local, associadas à sedação para o fechamento de colostomia em alça

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rone Antônio Alves de Abreu

    2010-09-01

    Full Text Available CONTEXT: Recent studies have shown that local anesthesia for loop colostomy closure is as safe as spinal anesthesia for this procedure. OBJECTIVES: Randomized clinical trial to compare the results from these two techniques. METHODS: Fifty patients were randomized for loop colostomy closure using spinal anesthesia (n = 25 and using local anesthesia (n = 25. Preoperatively, the bowel was evaluated by means of colonoscopy, and bowel preparation was performed with 10% oral mannitol solution and physiological saline solution for lavage through the distal colostomy orifice. All patients were given prophylactic antibiotics (cefoxitin. Pain, analgesia, reestablishment of peristaltism or peristalsis, diet reintroduction, length of hospitalization and rehospitalization were analyzed postoperatively. RESULTS: Surgery duration and local complications were greater in the spinal anesthesia group. Conversion to general anesthesia occurred only with spinal anesthesia. There was no difference in intraoperative pain between the groups, but postoperative pain, reestablishment of peristaltism or peristalsis, diet reintroduction and length of hospitalization were lower with local anesthesia. CONCLUSIONS: Local anesthesia plus sedation offers a safer and more effective method than spinal anesthesia for loop colostomy closure.CONTEXTO: Estudos recentes têm demonstrado que a anestesia local para o fechamento de colostomia em alça é tão segura quanto a raquianestesia para estes procedimentos. OBJETIVOS: Comparar os resultados do fechamento de colostomia em alça usando essas duas técnicas. MÉTODOS: Cinquenta pacientes foram randomizados para o fechamento de colostomia em alça sob raquianestesia (n = 25 e anestesia local (n = 25. No pré-operatório, o cólon foi avaliado por colonoscopia e o preparo intestinal foi realizado com solução oral de manitol a 10% e limpeza com solução salina fisiológica através do orifício distal da colostomia. Todos os

  11. Anestesia em criança com síndrome de Pallister-Killian: relato de caso Anestesia en niño con síndrome de Pallister-Killian: relato de caso Anesthesia in child with Pallister-Killian syndrome: case report

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    José Roquennedy Souza Cruz

    2004-10-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: A síndrome de Pallister-Killian (SPK é uma doença genética rara causada por uma anomalia, em mosaico, no cromossomo 12. Há pouca informação sobre esta síndrome na literatura anestésica. O objetivo deste relato foi divulgar e discutir as características que podem ser de interesse para a anestesia. RELATO DO CASO: Paciente do sexo masculino, 5 anos de idade, foi submetido a anestesia geral para a realização de ressonância magnética do crânio. Apresentava as características típicas da SPK: dismorfismo facial, alopecia temporal, micrognatismo, macroglossia, retardo mental, convulsões e alterações pigmentares cutâneas. A anestesia foi induzida e mantida com sevoflurano sob máscara facial e cânula orofaríngea, com ventilação assistida manual durante a indução. Não houve intercorrências e o exame foi feito em regime ambulatorial. CONCLUSÕES: A importância da avaliação pré-anestésica é enfatizada, devido às malformações, inclusive cardíacas, associadas a esta síndrome. É recomendada a preparação para possível dificuldade de intubação traqueal ou de manutenção das vias aéreas.JUSTIFICATIVA Y OBJETIVOS: La síndrome de Pallister-Killian (SPK es una rara enfermedad genética causada por una anomalía, en mosaico, en el cromosoma 12. Hay poca información sobre esta síndrome en la literatura anestésica. El objetivo de este relato fue divulgar y discutir las características que pueden ser de interés para la anestesia. RELATO DEL CASO: Paciente del sexo masculino, 5 años de edad, fue sometido a anestesia general para la realización de resonancia magnética del cráneo. Presentaba las características típicas de la SPK: dismorfismo facial, alopecia temporal, micrognatismo, macroglosia, retardo mental, convulsiones y alteraciones pigmentares cutáneas. La anestesia fue inducida y mantenida con sevoflurano sobre máscara facial y cánula orofaríngea, con ventilación manual

  12. Implantes personalizados de polimetilmetacrilato (PMMA) para aplicaciones en craneoplastia

    OpenAIRE

    Arango Ospina, Marcela

    2014-01-01

    Los implantes a la medida para aplicaciones en craneoplastias tienen el objetivo de restaurar la protección del cerebro que el cráneo proporcionaba y mejorar el aspecto de la superficie después de sufrir un traumatismo o para corregir una malformación. Los principales inconvenientes del procedimiento de craneoplastia incluyen la individualización de la geometría y las propiedades mecánicas del implante para que sea funcional. El objetivo de nuestra investigación fue proponer un...

  13. Hipertensão arterial sistêmica e anestesia Hipertensión arterial sistémica y anestesia Systemic hypertension and anesthesia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Michelle Nacur Lorentz

    2005-10-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: Devido à grande prevalência da hipertensão arterial sistêmica na população e a falta de consenso sobre que níveis pressóricos o anestesiologista deve aceitar para induzir uma anestesia para cirurgia eletiva, realizou-se uma revisão na literatura que trata da associação hipertensão arterial e anestesia. Considerando que a suspensão de uma cirurgia implica em gastos, o que torna a Medicina cada vez mais cara, e que, por outro lado, o ato anestésico deve ser realizado com a maior segurança possível, o objetivo desse trabalho foi analisar as evidências da literatura que possam nortear a prática clínica. CONTEÚDO: O artigo apresenta incidência e classificação da hipertensão arterial sistêmica além de relatar e comentar trabalhos relevantes que abordam a hipertensão arterial no paciente cirúrgico. CONCLUSÕES: Ainda não estão estabelecidos quais níveis máximos de pressão são compatíveis com uma cirurgia eletiva, sendo que, atualmente, os critérios para a suspensão da cirurgia no paciente hipertenso mal controlado são muito mais baseados em dados empíricos que em evidências. Existe uma tendência em postergar a cirurgia quando a PA é superior a 180/110 mmHg, mas cada caso deve ser analisado isoladamente, valorizando mais lesões em órgãos alvo que a pressão arterial propriamente dita.JUSTIFICATIVA Y OBJETIVOS: Debido a la grande superioridad de la hipertensión arterial sistémica en la población y la falta de acuerdo sobre que niveles presóricos el anestesiologista debe aceptar para inducir una anestesia para cirugía electiva, se realizó una revisión en la literatura que trata de la asociación hipertensión arterial y anestesia. Considerando que la suspensión de una cirugía implica en gastos, lo que hace la Medicina cada vez más cara, y que, por otro lado, el acto anestésico debe ser realizado con la mayor seguridad posible, la finalidad de ese trabajo fue analizar las

  14. Anestesia para colecistectomia videolaparoscópica em paciente portador de Doença de Steinert: relato de caso e revisão de literatura Anestesia para colecistectomía videolaparoscópica en oaciente oortador de Enfermedad de Steinert: relato de caso y revisión de la literatura Anesthesia for videolaparoscopic cholecystectomy in a patient with Steinert Disease: case report and review of the literature

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Flora Margarida Barra Bisinotto

    2010-04-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: As distrofias miotônicas são doenças neuromusculares de transmissão autossômica dominante. Dentre elas, a distrofia miotônica tipo 1 (DM1, ou doença de Steinert, é a mais comum no adulto e, além do envolvimento muscular, apresenta manifestações sistêmicas importantes. A DM1 representa um desafio para o anestesiologista. Os pacientes apresentam maior sensibilidade às drogas anestésicas e complicações, principalmente cardíacas e pulmonares. Além disso, há a possibilidade de apresentarem hipertermia maligna e crise miotônica. Descreveu-se o caso de um paciente que teve complicação pulmonar importante após ser submetido à anestesia geral. RELATO DO CASO: Paciente de 39 anos, portador de DM1, foi submetido à anestesia geral para colecistectomia videolaparoscópica. A anestesia foi venosa total com propofol e remifentanil e rocurônio. O procedimento cirúrgico de 90 minutos não apresentou intercorrências, mas após a extubação o paciente apresentou insuficiência respiratória e crise miotônica, que tornou a intubação traqueal impossível. Utilizou-se a máscara laríngea, que possibilitou a oxigenação adequada, e a ventilação mecânica foi mantida até a recuperação total da atividade respiratória. Evolução ocorreu sem outras complicações. CONCLUSÕES: A DM1 é uma doença que apresenta várias peculiaridades para o anestesiologista. O conhecimento minucioso do seu envolvimento sistêmico, associado à ação diferenciada das drogas anestésicas nesses pacientes, proporcionará um ato anestésicocirúrgico mais seguro.JUSTIFICATIVA Y OBJETIVOS: Las distrofias miotónicas son enfermedades neuromusculares de transmisión autosómica dominante. Entre ellas está la distrofia miotónica tipo 1 (DM1, o enfermedad de Steinert, que es la más común en el adulto y además de la involucración muscular, presenta manifestaciones sistémicas importantes. La DM1 representa un reto para el

  15. Anestesia venosa total para laringectomia parcial em paciente na 28ª semana de gestação: relato de caso Anestesia venosa total para laringectomía parcial en paciente en la 28ª semana de embarazo: relato de caso Total intravenous anesthesia for partial laryngectomy in 28 weeks pregnant patient: case report

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    José Costa

    2005-04-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: Uma anestesia para paciente gestante constitui um desafio ao anestesiologista em virtude dos riscos para a mãe e para o feto. São muitas as complicações descritas pela literatura como malformações fetais, parto prematuro, instabilidade hemodinâmica materna e até morte fetal. O objetivo deste caso é mostrar uma paciente gestante de 28 semanas, submetida a laringectomia parcial sob anestesia geral venosa total com propofol, remifentanil e cisatracúrio. RELATO DO CASO: Paciente com 29 anos, 59 kg, primigesta de 28 semanas com diagnóstico prévio de carcinoma epidermóide próximo à corda vocal direita, sendo indicada laringectomia. A monitorização inicial constituiu-se de pressão arterial não-invasiva e invasiva, cardioscopia, oxicapnografia e cardiotocografia contínua realizada pela obstetra. Punção venosa no membro superior direito e membro superior esquerdo com cateter 16G e 18G, respectivamente. Foram administrados por via venosa midazolam (1 mg, cefazolina (1 g, metoclopramida (10 mg e dipirona (1 g. A paciente recebeu oxigênio a 100% sob máscara por 3 minutos e indução venosa foi feita com o uso de propofol em infusão na dose alvo de 3 µg.mL-1 e remifentanil contínuo (1 µg.kg-1 em bolus e 0,2 µg.kg-1.min-1 de manutenção. Como bloqueador neuromuscular, foi administrado cisatracúrio (13 mg e procedeu-se a intubação traqueal com tubo 6,5 mm aramado com balonete. Foi mantida em plano anestésico com propofol e remifentanil em bomba, além de complementações de cisatracúrio. O feto permaneceu monitorizado continuamente com cardiotocografia realizada e analisada pela obstetra. Após o término da cirurgia foram desligadas as bombas infusoras de propofol e remifentanil, tendo a paciente despertado 10 minutos depois. Acordou sem dor e hemodinamicamente estável, sendo então encaminhada à sala de recuperação pós-anestésica. CONCLUSÕES: A anestesia venosa total com propofol e

  16. Anestesia para correção cirúrgica de fístula de artéria coronária sem circulação extracorpórea: relato de caso

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Raquel Reis Soares

    2011-12-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: Descrita em 1865 por Krause ¹, a fístula de artéria coronária comunicando-se com cavidades cardíacas, artéria pulmonar ou seio coronário é muito rara. Representa 0,2% a 0,4 % das cardiopatias congênitas e 0,1% a 0,2% da população adulta submetida a angiografias coronarianas ². O objetivo deste relato é apresentar anestesia para cirurgia de fechamento de fístula coronária em procedimento eletivo, considerando suas particularidades. RELATO DE CASO: Paciente do sexo masculino com 59 anos, cuja fístula coronária foi diagnosticada durante investigação clínica de dor torácica progressiva e dispneia de longa data. O paciente foi submetido a uma correção cirúrgica de fístula de artéria coronária sob anestesia geral sem a utilização de circulação extracorpórea (CEC.O paciente evoluiu sem intercorrências, tendo alta hospitalar com melhora clínica em sete dias de pós-operatório. CONCLUSÕES: A fístula coronária é afecção rara, mas o anestesiologista pode deparar com esse tipo de paciente em situações distintas. É importante compreender sua fisiopatologia para abordar adequadamente o paciente no perioperatório, favorecendo seu melhor prognóstico.

  17. Anestesia em paciente com síndrome de Rubinstein-Taybi: relato de caso Anestesia en paciente con síndrome de Rubinstein-Taybi: relato de caso Anesthesia in patient with Rubinstein-Taybi syndrome: case report

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Carlos Rogério Degrandi Oliveira

    2005-10-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: A síndrome de Rubinstein-Taybi (SRT é uma doença genética causada por uma mutação ou apagamento do cromossomo 16, caracterizada por retardo físico e mental, anormalidades craniofaciais e hálux e polegares largos. Há pouca informação sobre esta síndrome na literatura anestésica. O objetivo deste relato foi apresentar a conduta anestésica em paciente submetido à cirurgia odontológica e discutir as características de interesse para a anestesia nesses pacientes. RELATO DO CASO: Paciente do sexo masculino, 9 anos, 28 kg, submetido à anestesia geral para extrações de dentes anormalmente posicionados. Apresentava as características típicas da SRT, retardo físico e mental, anormalidades craniofaciais e hálux e polegares largos. A anestesia foi induzida e mantida com sevoflurano, inicialmente sob máscara facial e após intubação nasotraqueal em ventilação assistida manual com sistema de Bain. Não houve intercorrências e a cirurgia foi realizada em regime ambulatorial. CONCLUSÕES: A importância da avaliação pré-anestésica é enfatizada, devido às malformações, inclusive cardíacas, associadas a esta síndrome. Este paciente, em particular, não apresentava comprometimento cardíaco, presente em um terço dos casos. É recomendável preparação para possível dificuldade de manutenção das vias aéreas.JUSTIFICATIVA Y OBJETIVOS: El síndrome de Rubinstein-Taybi (SRT es una enfermedad genética causada por una mutación o apagamiento del cromosoma 16, caracterizada por retardo físico y mental, anormalidades craneofaciales y hálux y pulgares anchos. Hay poca información sobre este síndrome en la literatura anestésica. El objetivo de este relato ha sido en presentar la conducta anestésica en paciente sometido a cirugía odontológica y discutir las características de interés para la anestesia en estos pacientes. RELATO DEL CASO: Paciente del sexo masculino, 9 años, 28 kg, sometido a

  18. Complicações e seqüelas neurológicas da anestesia regional realizada em crianças sob anestesia geral: um problema real ou casos esporádicos? Complicaciones y secuelas neurológicas de la anestesia regional realizada en niños bajo anestesia general: ¿ Un problema real o casos esporádicos? Neurological complications and damage of regional block in children under general anesthesia: a real problem or sporadic cases?

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Verônica Vieira da Costa

    2006-12-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: Tem sido discutido se a técnica de anestesia regional em crianças, que na maioria das vezes é realizada após a anestesia geral, é realmente segura. Há o risco potencial de uma lesão neurológica permanente ou temporária quando o paciente não pode informar eventual parestesia ou dor, durante a realização da anestesia regional, o que gera insegurança por parte dos anestesiologistas. O objetivo deste estudo foi avaliar a prevalência de complicações e seqüelas neurológicas da anestesia regional em crianças sob anestesia geral. MÉTODO: Numa análise prospectiva foram estudadas crianças submetidas a intervenções cirúrgicas ortopédica e plástica reparadora sob anestesia regional associada à anestesia geral. A indução e a manutenção da anestesia foram por vias venosa ou inalatória. Após anestesia geral era realizada anestesia regional e avaliada a existência de complicações imediatas, o número de punções realizadas, complicações de médio prazo e presença de seqüelas neurológicas. RESULTADOS: Num período de 13 meses foram estudadas 499 crianças de ambos os sexos, com idade média de 6,7 anos. A maioria dos pacientes foi submetida à anestesia geral associada à peridural lombar ou caudal. A prevalência de complicação imediata foi 3,6%, sendo a mais freqüente o sangramento no momento da punção. A prevalência de complicações em médio prazo foi 1,1%, sendo a mais freqüente a hipoestesia e não houve seqüela neurológica de longo prazo. CONCLUSÕES: Os resultados do presente estudo são concordantes com os de outros autores com relação à baixa prevalência de complicações da anestesia regional em crianças sob anestesia geral, sem deixar seqüelas neurológicas. Isso pode ser atribuído ao uso de material adequado e a experiência da equipe de anestesia.JUSTIFICATIVA Y OBJETIVOS: Han sobrevenido discusiones sobre si la técnica de anestesia regional en niños, que en la

  19. Anestesia para paciente portador da equência de moebius: relato de caso Anestesia para Paciente Portador de la Secuencia de Moebius: relato de Caso Anesthesia in a patient with moebius sequence: case report

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Adriano Bechara de Souza Hobaika

    2009-06-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: A sequência de Moebius (SM é uma rara paralisia do VI e VII nervos cranianos. Alterações craniofaciais estão presentes em aproximadamente 90% destes pacientes, o que pode tornar a intubação traqueal muito difícil. RELATO DO CASO: Paciente do sexo masculino, 2 anos e 5 meses, portador de SM, submetido à broncoscopia flexível para avaliação de laringotraqueomalácia. Comorbidades: crises de broncoespasmo e comunicação interventricular. Realizou-se indução anestésica com sevoflurano em O2 a 100% e venóclise. Introduziu-se máscara laríngea AMBU® número 2,5 e o fibrobroncoscópio foi introduzido através da mesma. O procedimento foi realizado sem complicações e a broncoscopia revelou-se normal. O paciente recebeu alta para casa após duas horas. CONCLUSÕES: O controle das vias aéreas é o grande desafio nestes pacientes, havendo relato de falha ou dificuldade de intubação em 13 pacientes de uma série de 41 casos analisados. Micrognatia, retrognatia, hipoplasia mandibular e fenda palatina são algumas características destes pacientes. Em outra grande série com 106 anestesias em pacientes com SM há descrição do uso da máscara laríngea em um caso. Parece não haver contra-indicação a realizar o procedimento em regime ambulatorial. Há relato de aspiração pulmonar e obstrução respiratória na sala de recuperação devido à dificuldade em deglutir e eliminar as secreções da boca e recomenda-se administrar antisialogogos.JUSTIFICATIVA Y OBJETIVOS: La secuencia de Moebius (SM es una rara parálisis del VI y VII nervios cranianos. Las alteraciones craneofaciales están presentes en aproximadamente un 90% de esos pacientes, lo que puede hacer con que la intubación traqueal sea muy difícil. RELATO DEL CASO: Paciente del sexo masculino, 2 años y 5 meses, portador de SM, sometido a la broncoscopia flexible para la evaluación de laringotraqueomalacia. Comorbidades: crisis de broncoespasmo

  20. Paradigms for subdural grids' implantation in patients with refractory epilepsy Paradigmas para implante de placas subdurais em pacientes com epilepsia refratária

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    ARTHUR CUKIERT

    2000-09-01

    , SPECT e RM diminuíram em muito a necessidade da utilização de eletrodos invasivos na investigação pré-operatória de pacientes epilépticos. No entanto, 10 a 30% dos pacientes com epilepsias refratárias ainda possuem investigação não-invasiva inconclusiva. Este estudo relata nossos paradigmas para o implante de eletrodos subdurais nesta população de epilépticos refratários. MÉTODOS: Vinte e nove pacientes portadores de epilepsias refratárias foram estudados. Eles foram divididos em 5 grupos de síndromes epilépticas que incluíam a maioria dos pacientes submetidos a implantes: bitemporais (grupo I; n=16, bifrontomesiais (grupo II; n=5, hemisféricos (grupo III; n=2, quadrante anterior (grupo IV; n=3 e quadrante posterior (grupo V; n=3. Todos foram submetidos a extensos implantes subdurais (de 64 a 160 contatos cobrindo todo o córtex potencialmente epileptogênico, sob anestesia geral. RESULTADOS: Todos pacientes toleraram bem o procedimento. Vinte e dois pacientes referiram cefaléia. Não houve outro sinal ou sintoma sugestivo de hipertensão intracraniana. Com exceção de um paciente do grupo II, a monitorização eletrocorticográfica crônica foi capaz de definir uma área focal própria para a ressecção cortical. A estimulação cortical foi capaz de mapear as áreas eloquentes necessárias em todos os pacientes dos grupos II a V. CONCLUSÃO: Alguns pacientes com epilepsia refratária ainda necessitam de avaliação invasiva apesar dos avanços nos métodos diagnósticos pré-operatórios. A padronização dos paradigmas para implante subdural destes pacientes bem como o estudo de populações homogêneas de pacientes definidas por RM levará a melhor compreensão da fisiopatologia envolvida nestes casos bem como a melhores resultados cirúrgicos.

  1. Analgesia de parto: estudo comparativo entre anestesia combinada raquiperidural versus anestesia peridural contínua Analgesia de parto: estudio comparativo entre anestesia combinada raqui-peridural versus anestesia peridural continua Labor analgesia: a comparative study between combined spinal-epidural anesthesia versus continuous epidural anesthesia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Carlos Alberto de Figueiredo Côrtes

    2007-02-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: O alívio da dor no trabalho de parto tem recebido atenção constante visando ao bem-estar materno, diminuindo o estresse causado pela dor e reduzindo as conseqüências deste sobre o concepto. Inúmeras técnicas podem ser utilizadas para analgesia de parto. Este trabalho teve como objetivo comparar a técnica peridural contínua com a combinada, ambas com o uso de bupivacaína a 0,25% em excesso enantiomérico 50% e fentanil como agentes. MÉTODO: Participaram do estudo 40 parturientes em trabalho de parto com dilatação cervical entre 4 e 5 cm que foram distribuídas em dois grupos iguais de forma aleatória. O Grupo I recebeu anestesia peridural contínua. O Grupo II recebeu anestesia combinada. Foram avaliados: medidas antropométricas, idade gestacional, dilatação cervical, tempo entre o bloqueio e a ausência de dor por meio da escala analógica visual, possibilidade de deambulação, tempo entre o início da analgesia e a dilatação cervical completa, duração do período expulsivo, parâmetros hemodinâmicos maternos e vitalidade do recém-nascido. Possíveis complicações, como depressão respiratória, hipotensão arterial materna, prurido, náuseas e vômitos, também foram observadas. Para a comparação das médias utilizou-se o teste t de Student e para a paridade e tipo de parto utilizou-se o teste do Qui-quadrado. RESULTADOS: Não houve diferença estatística significativa entre os dois grupos em relação ao tempo entre o início da analgesia e a dilatação cervical completa, bem como em relação ao tempo da duração do período expulsivo, incidência de cesariana relacionada com a analgesia, parâmetros hemodinâmicos maternos e vitalidade do recém-nascido. CONCLUSÕES: Ambas as técnicas se mostraram eficazes e seguras para a analgesia do trabalho de parto, embora a técnica combinada tenha proporcionado um rápido e imediato alívio da dor. Estudos clínicos com maior número de casos s

  2. Usos do sulfato de magnésio em obstetrícia e em anestesia Usos del sulfato de magnesio en obstetricia y en anestesia Applications of Magnesium Sulfate in Obstetrics and Anesthesia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fabiano Timbó Barbosa

    2010-02-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: O magnésio é um íon predominantemente intracelular. Seu efeito bloqueador do receptor NMDA lhe confere características analgésicas e sedativas. O objetivo desse artigo foi revisar a fisiologia, a farmacologia e a diminuição da concentração plasmática do magnésio, assim como algumas das suas aplicações em obstetrícia e em anestesia. CONTEÚDO: O magnésio é um cátion intracelular que possui múltiplas funções: é cofator de enzimas do metabolismo glicídico e de enzimas da degradação dos ácidos nucleicos, proteínas e ácidos graxos; regula a passagem de íons transmembrana e intervém na atividade de várias enzimas. O paciente em estado crítico apresenta tendência à hipomagnesemia e o tratamento consiste em corrigir a causa quando possível acompanhada da reposição do magnésio. Já foi demonstrada a redução da concentração alveolar m��nima (CAM dos agentes inalatórios em animais e do uso de opioides em humanos sob anestesia. CONCLUSÕES: O sulfato de magnésio vem sendo utilizado em obstetrícia com boa efetividade para inibição do trabalho de parto prematuro e para o tratamento das crises convulsivas associadas ao quadro de eclâmpsia. É um fármaco com potencial analgésico e sedativo que pode ser utilizado como coadjuvante durante a anestesia geral atenuando a resposta pressórica à intubação traqueal e diminuindo a necessidade de anestésicos.JUSTIFICATIVA Y OBJETIVOS: El magnesio es un ión predominantemente intracelular. Su efecto bloqueador del receptor NMDA le confiere características analgésicas y sedativas. El objetivo de este artículo, fue revisar la fisiología, la farmacología y la disminución de la concentración plasmática del magnesio, como también de algunas de sus aplicaciones en obstetricia y en anestesia. CONTENIDO: El magnesio es un catión intracelular que posee múltiples funciones: es cofactor de enzimas del metabolismo glicídico y de enzimas de

  3. Efeito da anestesia geral na cognição e na memória do idoso Efecto de la anestesia general en la cognición y memoria del paciente de edad avanzada Effects of general anesthesia in elderly patients’ memory and cognition

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Régis Borges Aquino

    2004-10-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: A anestesia geral e a função mental têm sido alvo de estudos e considerações, especialmente pelo sentimento de que ela, particularmente em idosos, poderia induzir alterações na cognição e na memória. O objetivo dessa pesquisa foi avaliar o efeito da anestesia geral na cognição e na memória do idoso correlacionando-a ao sexo, à idade e ao tempo de anestesia. MÉTODO: Estudo de coorte controlado realizado em pacientes categorizados em dois grupos de observação: a- anestésico; b- clínicos (controle. As variáveis de desfecho consideradas foram os escores dos testes MiniMental, de Fluência Verbal e de Lembrança Numérica. Anestesia geral com halotano, isoflurano, sevoflurano, tiopental, propofol, etomidato, fentanil alfentanil, succinilcolina atracúrio, pancurônio. Intra-operatório com PaCO2 entre 30 e 45 mmHg e saturação de hemoglobina acima de 90% e tolerância de PA com diminuição até 20% do valor basal. Foram excluídos os pacientes que apresentaram algum evento adverso no intra e pós-operatório. Dados categóricos analisados pelo teste do Qui-quadrado. A comparação inicial entre os grupos no momento basal (pré-anestésico foi realizada pelo t de Student para amostras independentes. Para avaliação do efeito do processo anestésico ao longo do tempo, foi utilizada a Análise de Variância (ANOVA para medidas repetidas. RESULTADOS: No teste do MiniMental os grupos apresentaram comportamento semelhante sendo notado aumento de escores ao longo do tempo. No teste de Fluência Verbal, em ambos os grupos os escores mantiveram-se praticamente inalterados. No teste de Lembrança Numérica o comportamento dos grupos foi muito semelhante ao longo do seguimento sendo que os escores aumentaram em ambos os grupos. CONCLUSÕES: Não foi detectado declínio de cognição ou de memória no pós-operatório de idosos de 60 a 80 anos de ambos os sexos, submetidos à anestesia geral com duração de 3 a

  4. Dexmedetomidina associada a propofol em sedação durante anestesia local para cirurgia plástica Dexmedetomidina asociada a propofol en sedación durante anestesia local para cirugía plástica Dexmedetomidine/propofol association for plastic surgery sedation during local anesthesia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    José Roberto Nociti

    2003-04-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: A dexmedetomidina é um novo agonista alfa2-adrenérgico com propriedades potencialmente úteis em anestesia. Este estudo comparativo tem por finalidade observar os efeitos da dexmedetomidina sobre o consumo de propofol e a evolução dos parâmetros cardiovasculares e respiratórios, quando incluída em técnica de sedação durante anestesia local em cirurgia plástica. MÉTODO: Participaram do estudo 40 pacientes do sexo feminino com idades entre 16 e 60 anos, estado físico ASA I ou II, submetidas a cirurgias plásticas eletivas sob anestesia local. Foram distribuídas aleatoriamente em dois grupos de vinte: C (controle e D (dexmedetomidina. Em ambos, a sedação foi obtida com propofol na dose em bolus inicial de 1 mg.kg-1 seguida de infusão contínua em velocidade ajustada para se obter grau de sedação consciente. No grupo D, as pacientes receberam infusão venosa contínua de dexmedetomidina à velocidade de 0,01 µg.kg-1.min-1, concomitante com a de propofol. Foram avaliados: efeito da dexmedetomidina sobre o consumo de propofol; variação dos parâmetros cardiovasculares (PAS, PAD, PAM, FC e respiratórios (SpO2, P ET CO2; qualidade do controle do sangramento per-operatório e características da recuperação pós-anestésica. RESULTADOS: A velocidade média de infusão de propofol foi menor no grupo D (35,2 ± 5,3 µg.kg-1.min-1 do que no grupo C (72,6 ± 8,5 µg.kg-1.min-1. Os valores médios de PAS, PAD e PAM decresceram em relação ao inicial, a partir dos 30 minutos, no grupo D, mantendo-se a seguir estáveis até o final; no grupo C, aumentaram. A FC manteve-se estável no grupo D e aumentou a partir dos 30 minutos no grupo C. O tempo médio para obedecer ao comando de "abrir os olhos" foi menor no grupo D (6,3 ± 2,5 min em relação ao C (8,9 ± 2,7 min. O controle do sangramento per-operatório foi superior no grupo D em relação ao C. CONCLUSÕES: O emprego da dexmedetomidina associada ao

  5. Anestesia em paciente com síndrome de Rubinstein-Taybi: relato de caso

    OpenAIRE

    Oliveira, Carlos Rogério Degrandi; Elias, Luciana

    2005-01-01

    JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: A síndrome de Rubinstein-Taybi (SRT) é uma doença genética causada por uma mutação ou apagamento do cromossomo 16, caracterizada por retardo físico e mental, anormalidades craniofaciais e hálux e polegares largos. Há pouca informação sobre esta síndrome na literatura anestésica. O objetivo deste relato foi apresentar a conduta anestésica em paciente submetido à cirurgia odontológica e discutir as características de interesse para a anestesia nesses pacientes. RELATO...

  6. Doença de Moyamoya e anestesia com sevoflurano fora do centro cirúrgico: relato de caso Enfermedad de Moyamoya y anestesia con sevoflurano fuera del centro quirúrgico: relato de caso Moyamoya disease and sevoflurane anesthesia outside the surgery center: case report

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Sheila Braga Machado

    2002-06-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: A doença de Moyamoya é uma desordem cerebrovascular progressiva que representa um desafio anestésico em virtude da precária circulação cerebral destes pacientes, constituindo-se numa importante causa de acidente vascular cerebral em indivíduos jovens. O objetivo deste relato é apresentar o caso de um paciente com doença de Moyamoya que foi submetido à anestesia geral com sevoflurano para procedimento diagnóstico fora do centro cirúrgico. RELATO DO CASO: Criança com 13 anos, estado físico ASA IV, portadora de doença de Moyamoya com seqüela neurológica após três acidentes vasculares cerebrais, insuficiência renal crônica e hipertensão arterial sistêmica, submetida à endoscopia digestiva alta. Em decúbito dorsal e após monitorização, realizou-se indução inalatória pela cânula de traqueostomia com sevoflurano (aumento gradual da concentração inspiratória até 6% e mistura de oxigênio/óxido nitroso a 50%. Um cateter venoso foi inserido para infusão de solução glicosada a 5%. Foi realizada ventilação controlada manual, sendo a manutenção da anestesia feita com sevoflurano a 4% e mistura de oxigênio/óxido nitroso a 50%. Ao final do procedimento os agentes anestésicos foram descontinuados simultaneamente e foi administrado oxigênio a 100%. A anestesia foi satisfatória, com boa estabilidade hemodinâmica, sem ocorrência de complicações durante o procedimento e com despertar precoce. CONCLUSÕES: O sevoflurano pode oferecer novas perspectivas para a anestesia inalatória em pacientes com doença neurológica que realizam procedimento ambulatorial, já que permite boa estabilidade hemodinâmica e despertar precoce, preservando a fisiologia cerebral.JUSTIFICATIVA Y OBJETIVOS: La enfermedad de Moyamoya es un desorden cerebrovascular progresivo que representa un desafío anestésico en virtud de la precaria circulación cerebral de estos pacientes, constituyéndose una importante

  7. Anestesia en la operación de Fontan

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Lincoln de la Parte Pérez

    2002-12-01

    Full Text Available La técnica de Fontan ofrece la primera operación fisiológica para la atresia tricuspídea (AT mediante la separación completa de las circulaciones sistémicas y pulmonar. Este proceder se basa en el principio de que la presión en la aurícula derecha es suficiente para garantizar un flujo sanguíneo adecuado a los pulmones, lo que hace innecesaria la función del ventrículo derecho. A partir de su introducción, existe una esperanza para los pacientes con un solo ventrículo y es un procedimiento cada vez más frecuente en el Servicio de Anestesia Cardiovascular. Esta realidad fue el motivo para presentar una revisión bibliográfica actualizada sobre la técnica anestésica que se debe emplear en este procedimiento quirúrgico.Fontan´s technique offers the first physiological operation for tricuspid atresia by complete separation of systemic and pulmonary circulation. This procedure is based on the principle that the right atrium pressure is enough to assure an adequate blood flow to the lungs, which makes the function of right ventricle unnecessary. After the introduction of this procedure, there is a hope for those patients with only one ventricle, therefore, this is an increasingly frequent technique applied in the cardiovascular anesthesia service. Such a reality was the main reason for presenting an updated literature review of the anesthetic technique that should be used in this surgical procedure.

  8. ANESTESIA EM EQÜINOS COM DETOMIDINA E TILETAMINA-ZOLAZEPAM

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cláudio Corrêa Natalini

    1994-01-01

    Full Text Available RESUMO Seis eqüinos foram anestesiados, via intravenosa, com o cloridrato de detomidina 1% (0,03mg/kg, associado à combinação tiletamina-zolazepam 5% (1mg/kg. Foram registrados o tempo para obtenção do decúbito lateral e o tempo para retorno à posição de estação. As freqüências cardíaca e respiratória, a temperatura retal, os vaiores arteriais de pH, PCO2, PO2, HCO3, excesso de bases e SATO2, foram analisados no período anterior à sedação (valor basal, durante a anestesia e ao retorno à posição de estação. Dois eqüinos foram submetidos a procedimentos cirúrgicos. O tempo médio para a obtenção do decúbito lateral foi de 53,80 ± 9,06 segundos. O período médio em decúbito lateral foi de 28,50 ± 5,05 minutos e o tempo para retorno à estação foi de 39,16 ± 4,59 minutos. A análise hemogasométrica arterial revelou a ocorrência de hipoxemia no período anestésico. As freqüências cardíaca, respiratória e temperatura retal mantiveram-se estáveis no período estudado.

  9. NEUROCIENCIA Y ANESTESIA

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Antonello Penna S., Dr., MD, PhD

    2017-09-01

    Full Text Available RESUMEN: Uno de los focos principales de la neurociencia es entender las funciones cerebrales superiores y cómo estas son inhibidas de manera reversible por los anestésicos generales. Por ello, la comprensión del mecanismo de acción de estos fármacos, que rutinariamente se utilizan en la práctica clínica, ha permitido avanzar enormemente en entender cómo se integra la información a nivel cerebral para establecer las nuevas memorias, la capacidad de reaccionar al medio externo y las bases de la consciencia. Desde la primera demostración pública exitosa del efecto de los anestésicos generales hasta nuestros días se ha determinado que los anestésicos actúan en bolsillos hidrofóbicos de receptores proteicos localizados en la membrana plasmática de las neuronas corticales y subcorticales, generando una disminución de la excitabilidad de las redes neuronales. Este efecto puede ser evidenciado por registros electroencefalográficos que han permitido registrar en línea el efecto de cada uno de los anestésicos. De este modo, se ha podido establecer que la anestesia es diferente al sueño, más bien corresponde a un coma farmacológico reversible. Sin embargo, pese a todos los avances, aún quedan muchas preguntas por responder, lo cual es el objetivo de las futuras investigaciones. SUMMARY: One of the main focus of neuroscience is to understand the higher brain functions, which are reversibly inhibited by general anesthetics. Therefore, understanding the mechanism of action of these drugs, which are routinely used in clinical practice, has allowed a great advance in how information is integrated in the brain to establish new memories, the ability to react to external environment and the consciousness. Since the first successful public demonstration of the effect of general anesthetics to the present day, it has been determined that anesthetics act on hydrophobic pockets of protein receptors in cortical and subcortical neurons

  10. Hipotensión arterial y variabilidad de la frecuencia cardiaca en pacientes embarazadas llevadas a cesarea bajo anestesia raquídea

    OpenAIRE

    Amaya Rios, Juan Carlos; Garcia Montaño, Nestor Ivan

    2015-01-01

    INTRODUCCION La hipotensión arterial por anestesia raquídea en embarazadas llevadas a cesárea es frecuente y deletérea para la madre y el feto, sin que a la fecha exista una herramienta clínicamente útil para predecirla. La variabilidad de la frecuencia cardiaca es una medida que estima la actividad del sistema nervioso autónomo y algunos estudio iniciales indican una posible utilidad como herramienta predictiva de hipotensión arterial en esta población. METODOLOGIA Se realizó un es...

  11. Caso: Infección cutánea en el punto de punción de anestesia subaracnoidea

    OpenAIRE

    López Pérez, Jesús; Castañer Ramón-Llín, Carla; Furones Tormo, Beatriz; Fernández Fernández, María Adoración; García Ferreira, Joaquín; Fayos de la Asunción, Miguel E

    2012-01-01

    Mujer de 76 años de edad, con antecedentes de asma bronquial en tratamiento con bromuro de ipatropio e hipertiroidismo tratado con carbimazol. Artrosis generalizada y gonartrosis bilateral. Propuesta para cirugía traumatológica de protesis total de rodilla derecha. Se realiza técnica locorregional mediante anestesia subaracnoidea resultando exitosa tras 4 intentos fallidos de punción, confirmando salida de LCR transparente. Se administra bupivacaina isobárica 14 mg. más 20 mcg de fentanilo...

  12. Anestesia em gestante com hipertensão intracraniana por meningite tuberculosa: relato de caso Anestesia en gestante con hipertensión intracraneal por meningitis tísica: relato de caso Anesthesia in pregnant patient with intracranial hypertension due to tuberculous meningitis: case report

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Vanessa Breitenbach

    2005-02-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: Está bem estabelecido que a técnica anestésica de escolha para cesariana eletiva é a anestesia regional. Porém, em gestantes com hipertensão intracraniana e infecção do sistema nervoso central esta técnica deve ser evitada. O objetivo deste artigo é relatar o manejo anestésico de uma gestante, com hipertensão intracraniana secundária à meningite tuberculosa, que foi submetida à cesariana eletiva. RELATO DO CASO: Paciente branca, 32 anos, 60 kg, 1,62 m de estatura, na 36ªsemana de idade gestacional, agendada para interrupção cirúrgica da gestação por apresentar-se tetraparética, com hidrocefalia decorrente de meningite tuberculosa. Escolheu-se a anestesia geral para a cesariana com indução em seqüência rápida e manobra de Sellick para a intubação traqueal. As drogas utilizadas foram tiopental (250 mg, rocurônio (50 mg, fentanil (100 µg e lidocaína (60 mg por via venosa. A indução anestésica foi suave e mantida com isoflurano até o início do fechamento da pele da paciente, com mínimas alterações de seus sinais vitais e do recém-nascido, que recebeu índice de Apgar 8 e 9, no 1º e 5º minutos, respectivamente. A paciente despertou precocemente, sem deficits neurológicos adicionais. CONCLUSÕES: A anestesia geral ainda é a técnica anestésica preferida para cesariana em gestantes com hipertensão intracraniana, utilizando-se drogas de meia-vida curta e que tenham mínima interferência na pressão intracraniana e no recém-nascido.JUSTIFICATIVA Y OBJETIVOS: Está bien establecido que la técnica anestésica de elección para cesárea electiva es la anestesia regional. Sin embargo, en gestantes con hipertensión intracraneal e infección del sistema nervioso central esta técnica debe ser evitada. El objetivo de este artículo es relatar el manejo anestésico de una gestante, con hipertensión intracraneal secundaria a la meningitis tísica, que fue sometida a la ces

  13. Anestesia subaracnóidea para cesariana em paciente portadora de esclerose múltipla: relato de caso Anestesia subaracnoidea para cesárea en paciente portadora de esclerosis múltiple: relato de caso Subarachnoid anesthesia for cesarean section in a patient with multiple sclerosis: case report

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fabiano Timbó Barbosa

    2007-06-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: A esclerose múltipla é uma doença adquirida que se caracteriza por áreas desmielinizadas no encéfalo e na medula espinal. O quadro clínico depende das áreas anatômicas acometidas. As principais causas de morte são infecção, falência respiratória e estado de mal epiléptico. Ocorre em pacientes geneticamente predispostos após contato com fatores ambientais, principalmente os vírus. O objetivo desse relato foi apresentar a técnica anestésica adotada em paciente com esclerose múltipla submetida à cesariana. RELATO DO CASO: Paciente com 32 anos, 60 kg, portadora de esclerose múltipla, tratada com metilprednisolona, deu entrada no centro obstétrico para realização de cesariana. Após monitoração foi realizada anestesia subaracnóidea com bupivacaína a 0,5% hiperbárica (12,5 mg associada à morfina (0,1 mg. O procedimento evoluiu sem intercorrências e a paciente recebeu alta hospitalar 48 horas após o parto sem piora dos sintomas preexistentes. CONCLUSÕES: O presente caso sugere que a raquianestesia pode ser administrada em paciente portador de esclerose múltipla sem a ocorrência obrigatória de exacerbações agudas dos sintomas no período pós-operatório.JUSTIFICATIVA Y OBJETIVOS: La esclerosis múltiple es una enfermedad adquirida que se caracteriza por áreas desmielinizadas en el encéfalo y en la médula espinal. El cuadro clínico depende de las áreas anatómicas acometidas. Las principales causas de muerte son infección, falencia respiratoria y estado de mal epiléptico. Ocurre en pacientes genéticamente predispuestos después del contacto con factores ambientales, principalmente los virus. El objetivo de este relato fue presentar la técnica anestésica adoptada en paciente con esclerosis múltiple sometida a cesárea. RELATO DEL CASO: Paciente con 32 anos, 60 kg, portadora de esclerosis múltiple, tratada con metilprednisolona, entró en el centro obstétrico para realizaci

  14. Anestesia raquídea versus anestesia intrarticular en cirugía artroscópica de rodilla. [Spinal anesthesia versus intra-articular anesthesia in arthroscopic surgery of the knee.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Lucas Daniel Marangoni

    2016-11-01

      Discusión Conclusión: Las  ventajas encontradas a favor de la anestesia intraarticular fueron: Estadías hospitalarias acortadas, se evitaron efectos indeseables de la anestesia raquídea: bloqueo motor, nauseas, vómitos, hipotensión, pérdida transitoria de esfínter urinario y retención urinaria (globo vesical. Disminución de los costos y mayor aceptación de los pacientes.

  15. Book review. Anestesia e analgesia locoregionale del cane e del gatto. Francesco Staffieri

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Manuel Graziani

    2014-03-01

    Full Text Available Il volume di anestesia e analgesia locoregionale del cane e del gatto è pensato per essere un testo "da sala operatoria" – come afferma l'autore – perché consente un rapido, ma allo stesso tempo dettagliato, consulto per il libero professionista che si trova a gestire un'anestesia. Si tratta di un piccolo libro, tascabile, che può essere considerato un punto di partenza per gli studenti e per tutti quei medici veterinari che intendono avvicinarsi in maniera specialistica all'arte dell'anestesiologia veterinaria. L'anestesia locoregionale costituisce, infatti, uno strumento insostituibile per la gestione del dolore perioperatorio in medicina veterinaria. Nel volume si forniscono le nozioni di base per praticare i principali blocchi nervosi centrali e periferici. Per ogni blocco sono riportate le tecniche alla cieca (mediante l'ausilio dei punti di repere anatomici e quelle con l'impiego dello stimolatore nervoso periferico. Il volume, corredato da immagini foto e grafici, per un totale di 65 figure, si apre con i capitoli relativi ai farmaci, agli strumenti e alle complicanze dell'anestesia locoregionale. Prosegue con i blocchi nervosi centrali (anestesia epidurale e spinale e si conclude con i blocchi periferici (testa, arto anteriore, torace, arto posteriore. L'autore, Francesco Staffieri, è un medico veterinario che svolge il dottorato di ricerca nel Dipartimento delle Emergenze e dei Trapianti di Organi, Sezioni di Cliniche Veterinarie e Produzioni Animali dell'Università degli Studi Aldo Moro di Bari.

  16. Citocinas e anestesia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    João Batista Santos Garcia

    2002-02-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: Vários trabalhos têm abordado as citocinas que podem ser estimuladas e liberadas por lesão cirúrgica, trauma, infecção, inflamação e câncer. Níveis elevados circulantes das citocinas parece ter implicações no aparecimento de complicações e retardo da recuperação pós-operatória de pacientes. O objetivo da presente revisão é resumir as informações hoje disponíveis sobre citocinas. CONTEÚDO: As citocinas são moléculas polipeptídicas produzidas por uma grande variedade de células e parecem não ter função na homeostase, sob condições normais. Esses mediadores são responsáveis por respostas locais ou sistêmicas, gerando alterações imunológicas, metabólicas, hemodinâmicas, endócrinas e neurais. Podem ativar respostas biológicas benéficas, como estimulação da função antimicrobiana, cicatrização de feridas, mieloestimulação e mobilização de substratos. No entanto, a secreção abundante de citocinas está associada a efeitos deletérios como hipotensão arterial, falência de órgãos e morte. CONCLUSÕES: Ao concluir esta revisão, fica evidente que as citocinas desempenham um papel de fundamental importância como mediadores de respostas metabólicas, hormonais, imunológicas e hematológicas, que há potencial terapêutico com o bloqueio de sua expressão e que a anestesia pode interferir de alguma forma na sua ativação. No entanto, muitas perguntas não estão ainda respondidas e estudos devem ser realizados nos próximos anos buscando esclarecer as ações das citocinas não só para a experimentação mas também para a prática clínica.

  17. Anestesia para salpingectomia parcial bilateral em paciente com miocardiopatia hipertrófica idiopática: relato de um caso e revisão da literatura Anestesia para salpingectomía parcial bilateral en paciente con miocardiopatía hipertrófica idiopática: relato de un caso y revisión del literatura Anesthesia for partial bilateral salpingectomy in a patient with idiopathic hypertrophic cardiomyopathy: case report and review of the literature

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ana Sofia Del Castillo Sardi

    2010-02-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: A miocardiopatia hipertrófica é uma doença cardíaca rara, com transmissão autossômica dominante e que se caracteriza pela hipertrofia do septo ventricular e pelas anormalidades da valva mitral. RELATO DO CASO: Paciente secundípara, de 25 anos, com diagnóstico de miocardiopatia hipertrófica há quatro anos e antecedente de asma leve intermitente controlada com inalações esporádicas de corticosteroides. Apresentava sopro holossistólico IV/VI plurifocal e importante escoliose, com os espaços intervertebrais palpáveis. Acusou palpitações esporádicas durante toda a gravidez e recebia medicação de 100 mg de atenolol por dia. Apresentava hemograma, creatinina e eletrólitos dentro dos limites normais, ecocardiograma com miocardiopatia hipertrófica de predomínio septal, com fração de ejeção sistólica de 0,76%. A paciente entrou em trabalho de parto de rápida evolução e nasceu criança viva, do sexo feminino, com APGAR 9/9 sem complicações maternas nem fetais. Foi realizada a programação para a realização de salpingectomia parcial bilateral. Em consulta, a paciente negou-se a receber anestesia para o procedimento. A técnica anestésica de eleição foi a regional combinada. O procedimento cirúrgico durou 20 minutos e as mudanças de pressão arterial junto com a frequência cardíaca foram 10% menores que as dos valores iniciais, sem complicações hemodinâmicas nem cirúrgicas imediatas. CONCLUSÕES: A mortalidade absoluta materna com miocardiopatia hipertrófica (MH é muito baixa e costuma aparecer em mulheres com fatores de alto risco. Não há evidências de que a anestesia regional aumente o risco em mulheres com MH quando é utilizada para o parto vaginal. Tanto a anestesia geral como a regional foram utilizadas com sucesso e sem complicações em cesarianas de parturientes com MH.JUSTIFICATIVA Y OBJETIVOS: La cardiomiopatía hipertrófica es enfermedad cardíaca rara, con transmisi

  18. Anestesia volátil e monitorização anestésica.

    OpenAIRE

    Alexandre, Nuno; Costa, Margarida; Mascarenhas, Ramiro

    2009-01-01

    Os autores apresentam um texto de apoio à disciplina de anestesiologia do curso de Medicina Veterinária .Neste texto são abordadas diversas temáticas da anestesia volátil tais como: equipamentos utilizados em anestesia volátil, farmacologia dos anestésicos voláteis. A monitorização dos pacientes é abordada na vertente mecânica ou intrumental e na componente básica.

  19. Relato de caso: implante transparietohepático de cateter de longa permanência para diálise Case report: transhepatic insertion of long-term dialysis catheter

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Felipe Nasser

    2007-12-01

    Full Text Available O implante transhepático de cateteres de diálise de longa permanência é um procedimento de exceção, utilizado para obter um acesso em pacientes com oclusão de veias centrais de membros superiores e inferiores. O caso descrito relata um paciente jovem, com história de 15 anos de diálise, que foi submetido no passado a um transplante renal sem sucesso. Esse paciente encontrava-se em urgência dialítica e oclusão comprovada de veias centrais de membros superiores e de veias ilíacas. Foi realizado o implante do cateter de longa permanência pelo acesso transparietohepático sob anestesia geral. A ponta do cateter foi posicionada ao nível do átrio direito. A diálise foi realizada satisfatoriamente no mesmo dia.Transhepatic insertion of long-term dialysis catheter is an exception procedure used to obtain access in patients with central vein occlusion of lower and upper limbs. We report on a case of a young patient with history of dialysis for 15 years, who was submitted to an unsuccessful renal transplantation. This patient was in dialytic emergency and had confirmed occlusion of upper limb central veins and iliac veins. Transhepatic insertion of a long-term catheter was performed under general anesthesia. The catheter tip was placed at the level of the right atrium. Dialysis was satisfactorily performed on the same day.

  20. Doença de Moyamoya e anestesia com sevoflurano fora do centro cirúrgico: relato de caso

    OpenAIRE

    Machado, Sheila Braga; Mendes, Florentino Fernandes; Angelini, Adriana de Campos

    2002-01-01

    JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: A doença de Moyamoya é uma desordem cerebrovascular progressiva que representa um desafio anestésico em virtude da precária circulação cerebral destes pacientes, constituindo-se numa importante causa de acidente vascular cerebral em indivíduos jovens. O objetivo deste relato é apresentar o caso de um paciente com doença de Moyamoya que foi submetido à anestesia geral com sevoflurano para procedimento diagnóstico fora do centro cirúrgico. RELATO DO CASO: Criança com ...

  1. Complicações respiratórias em pacientes com paralisia cerebral submetidos à anestesia geral Complicaciones respiratorias en pacientes con parálisis cerebral sometidos a la anestesia general Respiratory complications in patients with cerebral palsy undergoing general anesthesia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Sérgio Silva de Mello

    2007-10-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: Anestesia em pacientes com paralisia cerebral (PC pode representar um desafio para o anestesiologista. Este estudo prospectivo teve como objetivo determinar a prevalência e o risco de complicações respiratórias em crianças com PC submetidas à anestesia geral inalatória (AGI para tomografia computadorizada (TC. MÉTODO: Participaram do estudo pacientes com idades entre 1 e 17 anos, estado físico ASA I a III, submetidos a AGI com sevoflurano e máscara laríngea para TC no período de junho/2002 a junho/2003, divididos em três grupos: PC tetraplégicos (PCT, outros tipos de PC (PCO e paciente sem PC (NPC. Os pais ou responsáveis responderam a um questionário com perguntas sobre o histórico médico dos pacientes, infecção de vias aéreas superiores (IVAS, asma, convulsão, incoordenação orofaríngea, refluxo gastroesofágico, etc. Dados sobre incidência e gravidade das complicações respiratórias foram coletados prospectivamente (tosse, broncoespasmo, laringoespasmo, hipoxemia, aspiração. A amostra foi calculada para uma incidência esperada de 5% no grupo NPC, com uma diferença de 15% entre os grupos (alfa = 0,05 e beta = 0,1, utilizando-se os testes do Qui-quadrado, exato de Fisher e t de Student. RESULTADOS: Compuseram a amostra 290 pacientes divididos nos grupos da seguinte forma: PCT - 100, PCO - 79 e NPC - 111. Não houve diferença na prevalência de complicações respiratórias entre os grupos PCT (4%, PCO (8,9% e NPC (7,3%. Houve associação entre a presença de IVAS e a ocorrência de complicações (risco relativo, 10,71. CONCLUSÕES: Crianças com paralisia cerebral tipo tetraplegia espástica não parecem ter um risco aumentado de complicações respiratórias durante anestesia geral inalatória com sevoflurano e máscara laríngea. O estudo confirma IVAS como fator de risco para a ocorrência dessas complicações.JUSTIFICATIVA Y OBJETIVOS: La anestesia en pacientes con par

  2. Incidência de tremor em anestesia peridural com ou sem fentanil: estudo comparativo

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Abreu Múcio Paranhos de

    2004-01-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: A maioria dos trabalhos encontrados na literatura, relacionando a influência dos opióides administrados por via peridural com o tremor intra e pós-operatório, foram realizados com grupos de pacientes obstétricas, nas quais a resposta do centro termorregulador pode ser diferente das pacientes não grávidas. O objetivo deste trabalho foi comparar o bloqueio peridural com e sem fentanil, quanto à incidência de tremores e outras complicações no intra e pós-operatório em pacientes submetidos à cirurgia de varizes sob anestesia peridural com bupivacaína a 0,5% com adrenalina a 1:200.000. MÉTODO: Trinta e quatro pacientes, estado físico ASA I e II, submetidos à cirurgia para tratamento de varizes de membros inferiores, foram divididos aleatoriamente em 2 grupos (n = 17, e receberam midazolam (0,05 mg.kg-1, por via venosa seguido de anestesia peridural lombar, utilizando-se no grupo S, 20 ml bupivacaína a 0,5% (com vasoconstritor associado a 2 ml de solução fisiológica a 0,9% e no grupo F, 20 ml de bupivacaína a 0,5% (com vasoconstritor associada ao fentanil (100 µg. Foram estudados: incidência de tremor, temperatura dos pacientes, necessidade do uso de meperidina, e a incidência de náuseas e vômitos nos seguintes momentos: M1 - admissão do paciente na sala de operação; M2 - imediatamente antes da anestesia; M3 - 30 minutos após o término da injeção do anestésico local; M4 - 60 minutos após o término da injeção do anestésico local; M5 - 90 minutos após o término da injeção do anestésico local; M6 - final da anestesia; M7 - antecedendo a alta da sala de recuperação pós-anestésica. RESULTADOS: Quanto aos dados antropométricos, estado físico, tempo médio de duração da anestesia e cirurgia, temperatura dos pacientes e da sala de operação e incidência de náuseas e vômitos não houve diferença estatística entre os grupos. Houve diferença estatística aos 60 minutos (M4 e

  3. Doença de Moyamoya e anestesia com sevoflurano fora do centro cirúrgico: relato de caso Enfermedad de Moyamoya y anestesia con sevoflurano fuera del centro quirúrgico: relato de caso Moyamoya disease and sevoflurane anesthesia outside the surgery center: case report

    OpenAIRE

    Sheila Braga Machado; Florentino Fernandes Mendes; Adriana de Campos Angelini

    2002-01-01

    JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: A doença de Moyamoya é uma desordem cerebrovascular progressiva que representa um desafio anestésico em virtude da precária circulação cerebral destes pacientes, constituindo-se numa importante causa de acidente vascular cerebral em indivíduos jovens. O objetivo deste relato é apresentar o caso de um paciente com doença de Moyamoya que foi submetido à anestesia geral com sevoflurano para procedimento diagnóstico fora do centro cirúrgico. RELATO DO CASO: Criança com ...

  4. Relato de caso: anestesia em paciente portador de distrofia torácica asfixiante: Síndrome de Jeune

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Deise Saletti

    2012-06-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: Síndrome de Jeune, ou Distrofia Torácica Asfixiante, é uma doença autossômica recessiva. Esta síndrome é caracterizada por uma displasia óssea com variadas anormalidades: torácica, pancreática, cardíaca, hepática, renal e da retina. A idade em que o quadro clínico dos pacientes se apresenta está correlacionada com a gravidade da doença. Esses pacientes apresentam policondrodistrofia com costelas largas, curtas, horizontais e junções costocondrais irregulares levando a uma caixa torácica rígida e reduzida com grau de injúria respiratória variado. RELATO DO CASO: Paciente do sexo masculino, 4 meses, 7 kg, portador de Distrofia Torácica Asfixiante. Apresentava-se intubado e com caixa torácica reduzida. Ecocardiograma: hipertensão pulmonar leve. Tomografia de tórax: hipoplasia pulmonar. Submetido à toracoplastia bilateral e toracotomia sob anestesia geral. Manutenção da anestesia: infusão contínua de sufentanil e sevoflurano. Parâmetros ventilatórios: ventilação mecânica ciclada à pressão. Com a abertura do tórax, houve melhora dos parâmetros ventilatórios e, após o posicionamento da prótese torácica, observou-se limitação ventilatória. Decidiu-se pela diminuição da prótese torácica com consequente melhora da ventilação. CONCLUSÕES: É imprescindível o diagnóstico de todas as anormalidades presentes para o correto manejo anestésico. Foi necessária observação para adequar ventilação pré- e pós-toracotomia/toracoplastia e para manter o paciente hemodinamicamente estável. A forma mais adequada para ventilação mecânica é a ciclada à pressão para vencer a barreira mecânica. No intraoperatório, é desejável manter o pico de pressão inspiratória o mais baixo possível para minimizar o risco de barotrauma, de impedimento do retorno venoso e diminuição do débito cardíaco.

  5. Baixa dose de bupivacaína isobárica, hiperbárica ou hipobárica para raquianestesia unilateral Baja dosis de bupivacaína isobara, hiperbara o hipobara para anestesia raquidea unilateral Low dose isobaric, hyperbaric, or hypobaric bupivacaine for unilateral spinal anesthesia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luiz Eduardo Imbelloni

    2007-06-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: A raquianestesia unilateral pode apresentar vantagens principalmente em pacientes em regime ambulatorial. Baixa dose da solução anestésica, velocidade lenta da injeção espinal e a posição lateral facilitam a obtenção da distribuição unilateral na raquianestesia. Foram comparadas soluções isobárica, hiperbárica e hipobárica de bupivacaína com objetivos de se obter raquianestesia unilateral em pacientes submetidos a intervenções cirúrgicas ortopédicas em regime ambulatorial. MÉTODO: Cento e cinqüenta pacientes foram aleatoriamente separados em três grupos para receberem 5 mg de bupivacaína a 0,5% isobárica (Grupo Iso, ou 5 mg de bupivacaína a 0,5% hiperbárica (Grupo Hiper, ou 5 mg de bupivacaína a 0,15% hipobárica (Grupo Hipo. As soluções foram administradas no interespaço L3-L4 com o paciente na posição lateral e permanecendo nesta posição por 20 minutos. A anestesia sensitiva foi avaliada pelo teste da picada da agulha. O bloqueio motor avaliado pela escala modificada de Bromage. Ambos os bloqueios foram comparados com o lado não operado e entre si. RESULTADOS: Existiu diferença significativa entre o lado operado e não-operado em todos os três grupos aos 20 minutos, mas maior freqüência de raquianestesia unilateral foi obtida com as soluções hiperbárica e hipobárica de bupivacaína. Bloqueio sensitivo e motor foram observados em 14 pacientes do Grupo Iso, 38 pacientes no Grupo Hiper e 40 pacientes no Grupo Hipo. Não ocorreram alterações hemodinâmicas em nenhum paciente. Não foram observados cefaléia pós-punção nem sintomas neurológicos temporários. CONCLUSÕES: A raquianestesia com soluções hipobárica e hiperbárica proporcionou maior freqüência de unilateralidade. Após 20 minutos a solução isobárica de bupivacaína mobilizou-se no líquido cefalorraquidano (LCR, resultando em apenas 28% de raquianestesia unilateral.JUSTIFICATIVA Y OBJETIVOS: La

  6. Historia de la Anestesia en Colombia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Efraím Otero-Ruiz

    2000-08-01

    Full Text Available

    Con el patrocinio de la Sociedad Colombiana de Anestesiología y Reanimación (SCARE y pulcramente editado por Gente Nueva Editorial, en Julio de 1999 ha publicado el Académico Jaime Herrera Pontón su volumen “Historia de la Anestesia en Colombia“, aparecido justamente con motivo de los 50 años de fundación de dicha Sociedad.

    El volumen, de pasta dura y de 300 páginas, con prólogo de Luis Duque Gómez, Presidente de la Academia Colombiana de Historia e ilustrado con numerosas fotografías, está dividido en 14 capítulos y 3 apéndices, precedidos de una introducción a cargo del autor.

    Los 4 primeros capítulos, desde la conquista y la colonia hasta los primeros decenios de nuestra república, describen las primeras plantas sedantes y analgésicas nativas lo mismo que los primeros venenos paralizantes empleados por nuestros aborígenes, el opio empleado como profundo analgésico en nuestras guerras emancipadoras y la creación de los primeros programas de estudios médicos en Colombia. De ahí arrancan dos extensos capítulos, pivotales en el desarrollo de esta historia: el 50., titulado “El siglo XIX desde la primera demostración del éter” y el 60. “El siglo XX hasta la creación de la Sociedad Colombiana de Anestesia”. En ellos se describen de manera más o menos suscinta los primeros esfuerzos para diferenciar las técnicas anestésicas de las quirúrgicas propiamente dichas y el lento pero prodigioso esfuerzo por hacer de la anestesiología una especialidad médica, fenómeno que no sucede hasta bien entradas la 4a. y 5a. décadas del pasado siglo. Esos primeros cien años, como sucede en el resto del mundo occidental, estarán dominados por el éter y el cloroformo en método abierto ya que otros agentes, como el etileno y el ciclopropano, apenas comienzan a llegar en vísperas de la lIa. Guerra Mundial, lo mismo que los primeros aparatos de circuito cerrado, la inducción por barbitúricos intravenosos y

  7. Epidermólisis bulosa en el niño y anestesia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Joaquín L. de la Lastra Rodríguez

    1999-06-01

    Full Text Available La epidermólisis bulosa comprende un grupo heterogéneo de enfermedades ampollosas de la piel y mucosas de origen congénito y hereditario. El tratamiento es insatisfactorio en gran parte, por lo cual son necesarias ciertas medidas para proteger al paciente y evitar la aparición de dichas lesiones y sus complicaciones. Se describe el manejo anestesiológico en un niño de 3 años de edad, al que se le administró anestesia general intravenosa con clorhidrato de ketamina y diazepán, y se describen todos los cuidados y recomendaciones que hay que tener para evitar especialmente los roces, las presiones y las temperaturas altas.Epidermolysis bullosa is a heterogenous group of ampullary diseases of the skin and mucosas of congenital and hereditary origin. The treatment is largely unsatisfactory, and that´s why it is necessary to take some measures to protect the patient and to prevent the appareance of such lesions and their complications. It is described the anesthetic management of a 3-year-old child that was administered intravenous general anesthesia with ketamine hydrochlorate and diazepam. The care and recommendations that should be taken into account to avoid touches, pressures and high temperatures, are described.

  8. Modelo de anestesia em coelhos para procedimentos no tórax Anesthesia model in rabbits for thoracic surgery

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Elias Kallas

    2001-06-01

    Full Text Available A intubação endotraqueal em coelhos é dificil. O risco anestésico não é desprezível pela estreita margem de segurança entre o plano anestésico e o óbito. Tais fatos despertaram nosso interesse por uma solução simples e segura. Dez animais machos receberam por via intramuscular acepromazina, cetamina e xilazina. Após dez minutos procedeu-se exposição do ligamentum cricothyroideum , o qual foi incisado para colocação de tubo endotraqueal iniciando-se a administração de oxigênio e halotano. A punção arterial foi realizada para controle da pressão arterial média. Procedeu-se toracotomia no quinto espaço intercostal esquerdo com biópsia do pulmão e colabamento pulmonar, iniciando-se a ventilação seletiva do pulmão contra-lateral. Amostras sangüíneas, para medida do pH, foram colhidas no início do procedimento, após o colabamento pulmonar e no final, antes da expansão do pulmão, 30 minutos após o colabamento. Fechado o tórax, foi retirado o tubo endotraqueal tão logo o animal apresentasse recuperação dos reflexos e a seguir suturado ligamentum cricothyroideum. Os animais foram submetidos a eutanásia 14 dias após, quando procedeu-se a nova biópsia pulmonar, a retirada da traquéia e da laringe, para exame. Concluiu-se que este é um procedimento simples e seguro de anestesia para cirurgia torácica em coelhos.The endotracheal intubation of rabbits is difficult. The anesthetic risk is high because of the narrow difference between the effective and the lethal dose. We used a safe and simple method. Ten male animals received intramuscular injection of acepromazine, cetamine, and xylazine. Ten minutes later, an endotracheal canula was inserted trough a small cervical incision on the crico-tyroid membrane, to administrate oxigen and halothane. Thoracotomy was performed in the 5th. left intercostal space and a pulmonary biopsy too. The left lung collapsed and ventilation of the right lung remained for the next 30

  9. Anestesia para craniotomia em paciente acordado: relato de caso

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Nelson Davi Bolzani

    2013-12-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: Alguns procedimentos intracranianos são possíveis com pacientes acordados e os desafios vão da cooperação do paciente até a homeostasia. O objetivo é apresentar um caso de cirurgia intracraniana para exérese de tumor em lobo parietal esquerdo com o paciente em estado vígil. RELATO DE CASO: Após seleção do paciente e preparo psicológico, foi esclarecida e aceita a proposta de exérese de lesão parietal esquerda em estado vígil. Administraram-se propofol e remifentanil em perfusão contínua para manter o escore de Ramsay entre 2-3. Foi feito um bloqueio bilateral do escalpo com ropivacaína. Foi instalado o fixador de Mayfield e os campos cirúrgicos foram ajustados para manter vias aéreas e olhos acessíveis para o mapeamento com eletroestimulação e exérese da lesão. Para incisão da dura-máter foi aplicada uma compressa com lidocaína 2% por três minutos. A cirurgia transcorreu sem intercorrências. O paciente recebeu alta hospitalar no sétimo dia de internação sem apresentar complicação. CONCLUSÃO: Apesar de ser um desafio manter analgesia e estabilidade hemodinâmica com o paciente acordado, a infusão alvo-controlada do propofol estabeleceu o nível de consciência desejado; a do remifentanil titulou a analgesia e a sedação sem o acúmulo da droga e o bloqueio com a ropivacaína, uma analgesia satisfatória. Concluímos que a técnica anestésica foi satisfatória para nosso paciente.

  10. Fracturas de implantes de tibia. Consecuencias para los ensayos de los implantes

    OpenAIRE

    Frei, S.; Ploeg, H.; Reinschmidt, C.; Heuberger, P.

    1999-01-01

    El objetivo de este trabajo es estudiar los modelos de fracturas de prótesis de tibia descritos en la literatura y, sobre la base de dichos conocimientos, desarrollar un ensayo para implantes en la cual se logren simular condiciones fisiológicas. El caso descrito con mayor frecuencia en la literatura es la migración de la parte medial de la prótesis, fenómeno que, a menudo, antecede a la fractura de la prótesis. La posición defectuosa resultante de dicha migración modifica el eje ...

  11. Efeitos do óxido nitroso em hipotensão controlada durante anestesia com baixo fluxo

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Semiha Barçın

    2013-04-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: Investigamos o efeito do óxido nitroso (N2O em hipotensão controlada durante anestesia com baixo fluxo (isoflurano-dexmedetomidina em termos de hemodinâmica, consumo de anestésico e custos. MÉTODOS: Quarenta pacientes foram randomicamente alocados em dois grupos. Infusão de dexmedetomidina (0,1 µg.kg-1.min-1 foi mantida por 10 minutos. Subsequentemente, essa infusão foi mantida até os últimos 30 minutos de operação a uma dose de 0,7 µg.kg-1.hora-1. Tiopental (4-6 mg.kg-1 e brometo de vecurônio (0,08 0,12 mg.kg-1 foram administrados na indução de ambos os grupos. Isoflurano (2% foi administrado para manutenção da anestesia. O Grupo N recebeu uma mistura de 50% de O2-N2O e o Grupo A recebeu uma mistura de 50% de O2-ar como gás de transporte. Anestesia com baixo fluxo (1 L.min-1 foi iniciada após um período de 10 minutos de alto fluxo inicial (4,4 L.min-1. Os valores de pressão arterial, frequência cardíaca, saturação periférica de O2, isoflurano inspiratório e expiratório, O2 inspiratório e expiratório, N2O inspiratório e expiratório, CO2 inspiratório, concentração de CO2 após expiração e concentração alveolar mínima foram registrados. Além disso, as taxas de consumo total de fentanil, dexmedetomidina e isoflurano, bem como de hemorragia, foram determinadas. RESULTADOS: A frequência cardíaca diminuiu em ambos os grupos após a carga de dexmedetomidina. Após a intubação, os valores do Grupo A foram maiores nos minutos um, três, cinco, 10 e 15. Após a intubação, os valores de hipotensão desejados foram alcançados em 5 minutos no Grupo N e em 20 minutos no grupo A. Os valores da CAM foram mais altos no Grupo N nos minutos um, três, cinco, 10 e 15 (p < 0,05. Os valores da FiO2 foram mais altos entre 5 e 60 minutos no Grupo A, enquanto foram mais altos no Grupo N aos 90 minutos (p < 0,05. Os valores de Fi Iso (isoflurano inspiratório foram menores no Grupo N nos minutos

  12. Anestesia para tratamento intraparto extra-útero em feto com diagnóstico pré-natal de higroma na região cervical: relato de caso Anestesia para tratamiento intraparto extraútero en feto con diagnóstico prenatal de higroma en la región cervical: relato de caso Anesthesia for ex utero intrapartum treatment of fetus with prenatal diagnosis of cervical hygroma: case report

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Angélica de Fátima de Assunção Braga

    2006-06-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: O tratamento intraparto extra-útero (EXIT constitui procedimento realizado durante a cesariana, com preservação da circulação feto-placentária, que permite manuseio seguro da via aérea do feto, com risco de obstrução das vias aéreas. O objetivo deste relato foi apresentar um caso de anestesia para EXIT, em feto com higroma cístico na região cervical. RELATO DO CASO: Paciente com 22 anos, 37 semanas de idade gestacional, sem antecedentes anestésicos, estado físico ASA I, submetida ao EXIT para manuseio de via aérea e intubação traqueal em feto com risco para obstrução de vias aéreas. O procedimento foi realizado sob anestesia geral associada a peridural contínua; no pré-operatório foram utilizados metoclopramida (10 mg e ranitidina (50 mg, por via venosa. No espaço peridural administrou-se bupivacaína a 0,25% com adrenalina (30 mg associada a fentanil (100 µg, seguida de passagem de cateter cefálico, para analgesia pós-operatória. O útero foi deslocado para a esquerda. A indução anestésica foi feita em seqüência rápida, com fentanil, propofol e rocurônio e a manutenção com isoflurano 2,5% a 3%, em O2 e N2O (50%. Após histerotomia, procedeu-se à liberação parcial do feto, assegurando-se a circulação útero-placentária, seguindo-se as manobras de laringoscopia e intubação traqueal fetal. A seguir, foi realizada liberação total do feto, com pinçamento de cordão umbilical, administração de ocitocina (20 UI em infusão venosa contínua seguida de metil-ergonovina (0,2 mg por via venosa. Durante o procedimento, a pressão arterial sistólica materna foi mantida acima de 100 mmHg, com efedrina em bolus (5 mg e cristalóide (3.000 mL. A concentração do isoflurano foi diminuída gradativamente durante o fechamento uterino. Ao final da intervenção cirúrgica o bloqueio neuromuscular foi revertido e injetou-se morfina (2 mg pelo cateter peridural para analgesia p

  13. Beneficios económicos del implante coclear para la hipoacusia sensorineural profunda Economic benefits of the cochlear implant for treating profound sensorineural hearing loss

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Augusto Peñaranda

    2012-04-01

    Full Text Available OBJETIVO: Evaluar el costo-beneficio (CB, costo-utilidad (CU y costo-efectividad (CE de la implantación coclear, comparándola con el uso de audífonos en niños con hipoacusia sensorineural profunda bilateral. MÉTODOS: Se empleó la técnica no paramétrica Propensity Score Matching (PSM para realizar la evaluación de impacto económico del implante y así llevar a cabo los análisis CB, CU y CE. Se utilizó información primaria, tomada aleatoriamente a 100 pacientes: 62 intervenidos quirúrgicamente con el implante coclear (grupo de tratamiento y 38 pertenecientes al grupo de control o usuarios de audífono para tratar la hipoacusia sensorineural profunda. RESULTADOS: Se halló un diferencial de costos económicos -en beneficio del implante coclear- cercano a US$ 204 000 entre el implante y el uso de audífonos durante la esperanza de vida de los pacientes analizados. Dicha cifra indica los mayores gastos que deben cubrir los pacientes con audífono. Con este valor descontado, el indicador costo-beneficio señala que por cada dólar invertido en el implante coclear, para tratar al paciente, el retorno de la inversión es US$ 2,07. CONCLUSIONES: El implante coclear genera beneficios económicos para el paciente. También produce utilidades en salud dado que se encontró una relación positiva de CU (ganancia en decibeles y CE (ganancia en discriminación del lenguaje.OBJECTIVE: Evaluate the cost-benefit, cost-utility, and cost-effectiveness of cochlear implantation, comparing it to the use of hearing aids in children with profound bilateral sensorineural hearing loss. METHODS: The nonparametric propensity score matching method was used to carry out an economic and impact assessment of the cochlear implant and then perform cost-benefit, cost-utility, and cost-effectiveness analyses. Primary information was used, taken randomly from 100 patients: 62 who received cochlear implants (treatment group and 38 belonging to the control group who used

  14. Utilización de implantes oseointegrados orales para prótesis orbitaria: Caso clínico

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Gonzalo Borgia

    Full Text Available Resumen: La constante evolución de la Implantología en los últimos años, ha logrado que el implante oseointegrado, sea un medio de anclaje eficaz y seguro, para las prótesis buco-maxilo-faciales. Los altos índices de éxito, que surgen de los estudios clínicos, confirman que los implantes oseointegrados son el tratamiento de elección para determinados pacientes1. El objetivo de este trabajo es la presentación de un caso clínico, en el que se instalaron implantes orales, para anclaje de una prótesis orbitaria. El paciente fue atendido en la Facultad de Odontología de la Universidad de la República, en el Servicio de Prótesis Buco Maxilo Facial, conjuntamente con el Departamento de Implantología Oral y MaxiloFacial

  15. Anestesia em paciente portadora de síndrome de Mckusick-Kaufman: relato de caso Anestesia en paciente portadora de síndrome de Mckusick-Kaufman: relato de caso Anesthesia in Mckusick-Kaufman syndrome patient: case report

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Adriano Bechara de Souza Hobaika

    2004-12-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: A síndrome de Mckusick-Kaufman é uma doença rara, caracterizada tipicamente por hidrometrocolpos, polidactilia e defeitos cardíacos congênitos. Pacientes portadores desta doença podem ser submetidos a diversos procedimentos cirúrgicos durante a sua vida e o anestesiologista deve estar preparado para possíveis alterações. O objetivo deste artigo é relatar a conduta anestésica adotada em uma paciente portadora desta síndrome. RELATO DO CASO: Paciente do sexo feminino de 11 anos, 37 kg, portadora da síndrome de Mckusick-Kaufman, insuficiência renal crônica, encefalopatia hipertensiva e asma grave submetida à retirada de cateter peritoneal infectado e confecção de fístula arteriovenosa. História pregressa de intubação prolongada. A anestesia foi induzida com alfentanil (1 mg, propofol (50 mg e atracúrio (25 mg e mantida com sevoflurano (2% a 4% e doses fracionadas de alfentanil. A traquéia foi intubada sem complicações e a extubação foi realizada na sala de cirurgia após o retorno satisfatório da função neuromuscular. CONCLUSÕES: Apesar de a síndrome de Mckusick-Kaufman tratar-se de uma associação variável de defeitos congênitos, alguns cuidados anestésicos comuns podem ser definidos. Este caso apresentou fatores complicadores da anestesia e a indução com propofol e alfentanil e a manutenção com sevoflurano proporcionaram à paciente uma anestesia com mínimas repercussões ventilatórias e hemodinâmicas.JUSTIFICATIVA Y OBJETIVOS: La síndrome de Mckusick-kaufman es una dolencia rara, caracterizada típicamente por hidrometrocolpos, polidactilia y defectos cardiacos congénitos. Pacientes portadores de esta enfermedad pueden ser sometidos a varios procedimientos cirúrgicos durante su vida y el anestesiologista debe estar preparado para posibles alteraciones. El objetivo de este artículo es relatar la conducta anestésica adoptada en una paciente portadora de este s

  16. O primeiro a utilizar anestesia em cirurgia não foi um dentista. Foi o m édico Crawford Williamson Long El primero en utilizar la anestesia en cirugía no fue un dentista, fue el médico Crawford Williamson Long The first to use surgical anesthesia was not a dentist, but the physician Crawford Williamson Long

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Almiro dos Reis Júnior

    2006-06-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: A história da descoberta da anestesia continua incompletamente esclarecida em vários de seus aspectos. Mas é fácil definir que Crawford Williamson Long foi o primeiro a utilizar o éter sulfúrico para operar vários pacientes, sem dor, e realizar analgesias obstétricas. A história é uma ponte que liga o passado ao presente e deve ser estudada e entendida desde os seus primeiros pilares. Assim, justifica-se lembrar ou dar a conhecer quem foi Long, um nome certamente pouco conhecido entre nós, e qual a participação dele na descoberta da anestesia. CONTEÚDO: São discorridos porque e como Crawford Williamson Long foi levado a se tornar o primeiro médico a operar sem dor, quatro anos e meio antes de Morton, e o papel que desempenhou numa das maiores descobertas da Medicina. A biografia de Long é narrada, ressaltando-se o seu caráter, a competência, a dedicação, a modéstia, o desprendimento e um certo desapego com relação à conquista da glória. Descrevem-se as circunstâncias que o levaram a não divulgar de imediato sua descoberta. É analisado o envolvimento de Long na discussão pela primazia da descoberta da anestesia e relatado o seu falecimento. As numerosas homenagens recebidas por Long nos EUA e em outros países são citadas. CONCLUSÕES: W. T. G. Morton costuma ser considerado como o autor da descoberta da anestesia geral, sobretudo por ter sido o primeiro a fazer demonstração pública bem-sucedida, em importante hospital de Boston (EUA. Contudo, provou-se que Long foi o primeiro a utilizar a anestesia cirúrgica e é reconhecido em várias regiões de seu país como o pai da anestesia cirúrgica e "o seu descobridor". É necessário, ainda, reverter o fato de ser Long pouco conhecido entre nós e inseri-lo no lugar a que tem direito na história da anestesia geral.JUSTIFICATIVA Y OBJETIVOS: La historia del descubrimiento de la anestesia continúa sin ser completamente aclarada en varios

  17. ¿QUÉ HACEMOS LOS ANESTESIÓLOGOS? DESDE LA VIGILANCIA ANESTÉSICA MONITORIZADA HASTA LA ANESTESIA GENERAL

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ricardo Bustamante, Dr.

    2017-09-01

    Full Text Available RESUMEN: La anestesiología es la rama de la medicina dedicada al alivio del dolor y al total cuidado del paciente antes, durante y después de un acto quirúrgico. Es una de las especialidades de la medicina que más ha avanzado en los últimos 40 años. Es así que hoy se operan pacientes que nunca se hubiera pensado que podrán operarse, llegando a cifras de mortalidad por causa anestésica bajísimas.Los anestesiólogos administran diferentes tipos de anestesia: desde la vigilancia del paciente despierto o con diversos grados de sedación, sin anestesia o con anestesia local, hasta la realización de variados tipos de bloqueos periféricos, bloqueos neuroaxiales o diferentes tipos de anestesia general (inhalatoria, endovenosa total o una mezcla de ambas.La actividad del anestesiólogo se ha extendido a muchas actividades fuera del pabellón quirúrgico, especialmente a procedimientos radiológicos, hemodinámicos, oncológicos, endoscópicos y dentales.Con el tiempo, se han desarrollado algunas subespecialidades en la anestesiología: cuidados intensivos, dolor crónico, anestesia pediátrica, anestesia cardiovascular, anestesia obstétrica, cuidados paliativos anestesia regional. Algunas actividades de la medicina los anestesiólogos las comparten con otros especialistas. Las más comunes son la medicina intensiva, el manejo del dolor crónico y los cuidados paliativos.Otra especialidad multidisciplina, que está surgiendo e instalándose en la medicina moderna es la medicina perioperatoria. La mayoría de los anestesiólogos practican en cierto grado la medicina perioperatoria y constituye probablemente el futuro de la anestesia, si es que nuestra especialidad desea prosperar. SUMMARY: Anesthesiology is the branch of medicine dedicated to relieve pain and total patient care before, during and after a surgical procedure. It is one of the medical specialties that has advanced

  18. Anestesia em paciente com síndrome de Marshall-Smith: relato de caso Anestesia en paciente con síndrome de Marshall-Smith: relato de caso Anesthesia in a patient with Marshall-Smith syndrome: case report

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Beatriz Lemos da Silva Mandim

    2007-08-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: A síndrome Marshall-Smith é uma doença rara, caracterizada por dismorfismo facial, acelerada maturação óssea, atraso no desenvolvimento neuropsicomotor e anormalidade das vias aéreas. Os pacientes com essa síndrome apresentam grande probabilidade de complicações anestésicas, sobretudo com relação ao manejo das vias aéreas. Há poucos dados na literatura anestésica a respeito desta síndrome. O objetivo deste relato foi apresentar as dificuldades e a conduta anestésica em uma criança de 28 dias, portadora dessa síndrome, submetida à cirurgia para correção de atresia de coanas sob anestesia geral. RELATO DO CASO: Criança do sexo masculino, 28 dias de vida, 2,8 kg, submetida à anestesia geral para correção cirúrgica de atresia de coanas. Apresentava as características típicas da síndrome Marshall-Smith como tórax estreito, pectus escavatum, mãos e pés grandes, pescoço comprido, dismorfismo facial, palato alto e estreito e acelerada maturação óssea. A indução anestésica foi inalatória sob máscara com O2 a 100% associado ao sevoflurano. Devido à possibilidade de intubação difícil, foi programada intubação traqueal com fibrobroncoscópio. Após intubação traqueal e ventilação assistida manual, foi administrado 1,5 mg de rocurônio e, passados dez minutos, o paciente apresentou bradicardia (80 bpm e hipóxia acentuada (30% de saturação de O2 e impossibilidade de ventilação manual através do tubo traqueal, sendo necessária a realização de traqueostomia de urgência, quando se optou por suspender o procedimento cirúrgico. CONCLUSÃO: Em casos de emergência anestésico-cirúrgica, nos quais a criança não ventila e não é possível a intubação traqueal, ocorre dessaturação com bradicardia associada e a tomada de decisão deve ser rápida e apropriada para garantir uma ventilação pulmonar adequada. Esses pacientes necessitam avaliação cuidadosa das vias a

  19. Oxigênio suplementar e incidência de náuseas e vômitos perioperatórios no parto cesariano sob anestesia subaracnoidea Oxígeno suplementario e incidencia de náuseas y vómitos perioperatorios en el parto cesariano bajo anestesia subaracnoidea Supplemental oxygen and the incidence of perioperative nausea and vomiting in cesarean sections under subarachnoid block

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fernanda Salomão Turazzi Pécora

    2009-10-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: Oxigênio suplementar pode reduzir a incidência de náuseas e vômitos pós-operatórios em pacientes submetidos à anestesia geral. O objetivo deste estudo foi testar a eficácia do oxigênio suplementar durante a cesariana eletiva sob anestesia subaracnoidea em diminuir a incidência de náuseas e vômitos perioperatórios. MÉTODO: Após indução de anestesia subaracnoidea padronizada, noventa e quatro parturientes submetidas ao parto operatório foram distribuídas de forma aleatória para receberem, através de cateter nasal tipo óculos, 4 L.min-1 de oxigênio (Grupo O ou ar comprimido (Grupo S até o final do procedimento. As pacientes foram inquiridas acerca da ocorrência de náuseas e vômitos durante a operação e nas primeiras seis e 24 horas de pós-parto. RESULTADOS: Os dois grupos mostraram-se comparáveis quanto às variáveis demográficas, perioperatórias e quanto aos dados do recém-nascido. No Grupo O, a incidência de náusea durante a operação nas primeiras 6 horas de pós-operatório e entre 6 e 24 horas de pós-operatório foi de 35%, 20% e 13%, respectivamente, enquanto no Grupo S foi de 35%, 30% e 19%, respectivamente. A incidência de vômito no Grupo O foi de 9%, 11% e 6% nos períodos correspondentes e no Grupo S 21%, 7% e 7%, respectivamente. Essas diferenças não foram significativas. CONCLUSÕES: Na população estudada, a oxigenoterapia suplementar desde a indução da anestesia até o término da operação não reduziu a incidência de náuseas ou vômitos intraoperatórios e pós-operatórios em mulheres submetidas ao parto cesariano sob anestesia subaracnoidea.JUSTIFICATIVA Y OBJETIVOS: El oxígeno suplementario puede reducir la incidencia de náuseas y vómitos postoperatorios en pacientes sometidos a la anestesia general. El objetivo de este estudio, fue comprobar la eficacia del oxígeno suplementario durante la cesárea electiva bajo anestesia subaracnoidea, para reducir

  20. Herniorrafia inguinal em crianças: valor da anestesia local associada Inguinal hernia repair in children: importance of local anesthesia association

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    José Guilherme Minossi

    2002-07-01

    Full Text Available OBJETIVO: Descrever uma técnica de anestesia local no tratamento de hérnias inguinais em crianças. MÉTODO: Foram operadas 48 crianças com hérnias inguinais sob anestesia local na Santa Casa de Misericórdia de Cerqueira César, SP, sendo 34 do sexo masculino e 14 do sexo feminino, com idades entre 3 meses e 12 anos. Apenas quatro crianças tinham hérnia bilateral. A anestesia local foi realizada com lidocaína a 1% na dose de 5 mg/kg de peso através do bloqueio dos nervos abdominogenitais próximos à espinha ilíaca ântero-superior, à altura do anel inguinal externo e na pele ao redor da incisão. A sedação foi feita com cetamina na dose de 1 a 2 mg/kg e diazepam 0,2 a 0,4 mg/kg de peso. RESULTADOS: Todas as cirurgias puderam ser realizadas com tranqüilidade com este método, com exceção de uma criança em que o bloqueio não foi efetivo e a anestesia complementada com inalação de halogenado, sob máscara. Como complicações pós-operatórias, ocorreram três hematomas, sendo um de parede e dois em bolsa escrotal, todos com boa evolução. CONCLUSÕES: O uso da anestesia local associada à sedação é procedimento simples e seguro para realizar herniorrafias inguinais em crianças.AIM: To describe an anesthetic technique, as well as the results of surgical treatment of the inguinal hernia in children. PATIENTS/METHODS: Forty-eight patients were submitted to inguinal hernia repair under local anesthesia at "Santa Casa de Misericórdia de Cerqueira César", State of São Paulo, Brazil. There were 34 male and 14 female patients, range from 3 months to 12 years old. Local anesthesia was performed with a dose of 5 mg/kg body weight of 1% lidocaine through iliohypogastric and ilioinguinal nerve blocks, medially to the anterior superior iliac spine, and at level of the pubic tubercle. Sedation was done with an association of ketamine (1 to 2 mg/kg and diazepam (0,2 to 0,4 mg/kg. RESULTS: In all patients except one the procedure was

  1. Efeitos hemodinâmicos da anestesia em plano profundo com infusão intravenosa contínua de propofol ou propofol associado à lidocaína em cães

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rodrigo Mannarino

    2014-02-01

    Full Text Available Os efeitos hemodinâmicos da anestesia total intravenosa com propofol ou propofol associado à lidocaína foram estudados em 12 cães. No grupo P (n=6, os animais receberam bolus de 6mg kg-1 de propofol e infusão contínua de 1,25mg kg-1 min-1. No grupo PL (n=6, os animais receberam bolus de 6mg kg-1 de propofol e 1,5mg kg-1 de lidocaína, seguido de infusão de 1,0mg kg-1 min-1 e 0,25mg kg-1 min-1, dos mesmos fármacos, respectivamente. Os animais foram instrumentados para mensuração das variáveis hemodinâmicas e do índice bispectral (BIS, aos 75, 90, 105 e 120 minutos de anestesia. Foram observados valores menores de índice cardíaco, índice sistólico, pressões arteriais sistólica, diastólica e média no grupo P do que no grupo PL (P<0,05. Não foram observadas diferenças entre os grupos na frequência cardíaca, índice de resistência vascular sistêmica e BIS. As concentrações plasmáticas de propofol foram menores no grupo PL do que no grupo P (medianas de 5,7 a 6,1µg mL-1 no grupo P versus 3,1 a 3,7µg mL-1 no grupo PL. As concentrações plasmáticas de lidocaína (medianas de 2,27 a 2,51µg mL-1 mensuradas encontram-se na faixa que resulta em analgesia e abaixo de valores que resultam em toxicidade em cães. Os valores de BIS obtidos nos dois grupos foram compatíveis com plano profundo de anestesia (médias de 43 a 46 e 45 a 49 nos grupos P e PL, respectivamente. A manutenção da anestesia em plano profundo com lidocaína-propofol causa menor depressão cardiovascular do que a anestesia com dose equipotente de propofol isoladamente.

  2. Falhas na anestesia subaracnóidea Fallos en la anestesia subaracnoide Failure of subarachnoid blocks

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Hugo Praxedes

    2010-02-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: Desde Bier, é descrita falha de anestesia subaracnóidea que causa desconforto ao paciente e que ocorre, eventualmente, mesmo diante de profissionais hábeis que a tenham conduzido de forma tecnicamente correta. Há variação, no entanto, de conceito de falha e, principalmente, de identificação precisa de causas. O objetivo do trabalho é identificar melhor as causas deste desconforto por meio de revisão sistemática de publicações com casuística significativa. CONTEÚDO: Dividiu-se a análise em três tópicos: anatomia e suas variações; o agente anestésico, que trata da seleção do agente, suas soluções e adições, de forma a atingir o resultado mais apropriado à intervenção cirúrgica proposta; e a dose, discutindo-se concentração, volume ou dose gravimétrica, no sentido de obter resultado mais adequado tanto no que diz respeito à intensidade do bloqueio quanto à sua duração. CONCLUSÕES: As falhas são mais afeitas a fatores técnicos: avaliação anatômica adequada, escolha criteriosa da agulha e do local da punção, cuidados no armazenamento dos agentes, adequação de dose, baricidade, além de posicionamento correto do paciente durante e após punção, tudo adequado ao objetivo cirúrgico.JUSTIFICATIVA Y OBJETIVOS: Bier ya describía los fallos en la anestesia subaracnoidea que causa la incomodidad al paciente, y que se da, eventualmente, incluso con la presencia de profesionales hábiles que la hayan conducido de forma técnicamente correcta. Existe una variación, sin embargo, del concepto de fallo y principalmente, de la identificación precisa de las causas. El objetivo del trabajo es identificar mejor las causas de esa incomodidad a través de la revisión sistemática de publicaciones con casuística significativa. CONTENIDO: El análisis se dividió en tres tópicos: la anatomía y sus variaciones; el agente anestésico, que trata sobre la selección del agente, sus soluciones

  3. Implante con el sistema de reparación herniaria inguinal de prolene (Prolene hernia system

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    José Goderich Lalán

    2002-04-01

    Full Text Available Se realizó un estudio clinicodescriptivo y prospectivo del seguimiento de 21 pacientes a los que se les realizó implante sistema de reparación herniaria inguinal de prolene en hernias inguinales, reproducidas entre el 15 de octubre de 1998 y el 31 de marzo de 1999, con el objetivo de evaluar sus resultados. En todos los casos se utilizó el método de cirugía de corta estadía, anestesia local y sedación o espinal y antibioticoterapia profiláctica. En el seguimiento a muy corto plazo no se reportan recidivas y ninguna complicación posoperatoria. Más de la mitad de los pacientes había recibido más de 2 operaciones. La media de edad fue 49 años y el sexo predominante el masculino. La técnica que se utilizó para implante fue la recomendada por los fabricantesA clinical descriptive and prospective study of the follow-up of 21 patients who received implant of the Prolene inguinal hernia repair system in inguinal hernias reproduced between October l5th, 1998, and March 31st, 1999, was conducted aimed at evaluating the results. The short-stay surgery method, local anesthesia and sedation, or spinal anesthesia and prophylactic antibiotic therapy were used in all cases. No relapses or postoperative complications were reported in a very short-term follow-up. More than half of the patients had undergone more than 2 operations. Average age was 49 and there was a predominance of males. The technique used for the implant was the one recommended by the manufacturers

  4. Ropivacaína, articaína ou combinação de ropivacaína e articaína em anestesia peridural para cesariana: estudo randomizado, prospectivo e duplo-cego Ropivacaína, articaína o la combinación de ropivacaína y articaína en la anestesia epidural para cesárea: estudio aleatorio, prospectivo y doble ciego Ropivacaine, articaine or combination of ropivacaine and articaine for epidural anesthesia in cesarean section: a randomized, prospective, double-blinded study

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Derya Arslan Yurtlu

    2013-02-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: Iniciar a anestesia peridural com anestésicos locais de longa duração consome uma quantidade significativa de tempo, o que pode ser problemático em centros de anestesia obstétrica muito movimentados. Aventamos a hipótese de que uma combinação de articaína e ropivacaína proporcionaria início mais rápido e mesmo uma recuperação precoce das características do bloqueio sensório-motor. MÉTODOS: Sessenta parturientes a termo agendadas para cesariana eletiva foram randomicamente alocadas em três grupos para receber 20 mL de articaína a 2% (Grupo A, 10 mL de articaína a 2% + 10 mL de ropivacaína a 0,75% (Grupo AR ou 20 mL de ropivacaína a 0,75% (Grupo R via cateter peridural. O tempo de início do bloqueio sensorial até T10-T6 e o nível máximo de bloqueio, o tempo para a regressão de dois segmentos do nível máximo de bloqueio sensorial e o tempo de início e duração do bloqueio motor foram todos registrados. A necessidade de analgésicos adicionais, intra- e pós-operatoriamente, também foi registrada. RESULTADOS: Os dados demográficos foram semelhantes. Os tempos de início do bloqueio sensorial até os níveis T10 e T6 foram significativamente menores nos grupos A e AR, em comparação com o Grupo R (p JUSTIFICATIVA Y OBJETIVOS: Iniciar la anestesia epidural con anestésicos locales de larga duración consume una cantidad significativa de tiempo, siendo un problema en los centros de anestesia obstétrica que tienen mucho movimiento. Barajamos la hipótesis de que una combinación de articaína y ropivacaína proporcionaría un inicio más rápido e incluso una rápida recuperación de las características del bloqueo sensitivo motor. MÉTODOS: Sesenta parturientes a término que tenían cita para la cesárea electiva se ubicaron aleatoriamente en tres grupos para recibir 20 mL de articaína al 2% (Grupo A, 10 mL de articaína al 2% + 10 mL de ropivacaína al 0,75% (Grupo AR o 20 mL de ropivaca

  5. Implementación de la lista de verificación de la seguridad de la cirugía, sugerida por la Organización Mundial de la Salud, en pacientes sometidos a intervenciones quirúrgicas con anestesia

    OpenAIRE

    Fierro Márquez, Cindy Lorenna

    2015-01-01

    Objetivo principal: Comparar la efectividad de la lista de verificación para la seguridad de la cirugía propuesta, respecto a la lista de chequeo institucional, en cuanto a la incidencia de eventos adversos asociados a una intervención anestésico-quirúrgica, en pacientes adultos sometidos a cirugía bajo anestesia general, regional o combinada. Diseño: Estudio cuasi-experimental, tipo antes/después, con grupo de control no equivalente. Hipótesis: La lista de verificación para la segurida...

  6. Anestesia em criança com síndrome de Guillain-Barré após vacina de sarampo: relato de caso Anestesia en un niño con síndrome de Guillain-Barré después de la vacuna de sarampión: relato de caso Anesthesia in Guillain-Barré pediatric patient after measles vaccination: case report

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Deoclécio Tonelli

    2005-12-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: A síndrome de Guillain-Barré após vacina de sarampo é rara. O diagnóstico muitas vezes é tardio, o que leva a um aumento da morbidade. O presente relato apresenta um caso avançado e os cuidados especiais exigidos durante a anestesia. RELATO DO CASO: Paciente do sexo masculino, com quatro anos de idade com síndrome de Guillain-Barré desde um ano de idade, foi submetido a gastrostomia sob anestesia geral sem intercorrências, com sevoflurano e sem bloqueadores neuromusculares. CONCLUSÕES: O caso ilustra a raridade etiológica de uma síndrome importante na prática anestésica assim como os eventos adversos pós-vacinação, a melhor escolha para a equipe anestésica e as complicações da síndrome de Guillain-Barré na infância.JUSTIFICATIVA Y OBJETIVOS: El síndrome de Guillain-Barré después de la vacuna de sarampión es rara. El diagnóstico en la mayoría de las veces es tardío, lo que lleva a un aumento de la morbidez. Este actual relato presenta un caso avanzado y todas las atenciones especiales exigidas durante la anestesia. RELATO DEL CASO: Paciente del sexo masculino, con cuatro años de edad con síndrome de Guillain-Barré desde hace un año de edad, fue sometido a gastrostomía bajo anestesia general sin intercurrencias, con sevoflurano y sin bloqueadores neuromusculares. CONCLUSIONES: El caso ilustra la rareza etiológica de una síndrome importante en la práctica anestésica, así como los eventos adversos pos-vacunación, la mejor elección para el equipo anestésico y las complicaciones de la síndrome de Guillain-Barré en la infancia.BACKGROUND AND OBJECTIVES: Guillain-Barré syndrome following measles vaccination is uncommon. Diagnosis is often delayed, leading to increased morbidity. This report describes an advanced Guillain-Barré case and the special approaches required during anesthesia. CASE REPORT: Male patient, four years old, with Guillain-Barré syndrome diagnosed at 1 year of

  7. Sigmund Freud (1856-1939 e Karl Köller (1857-1944 e a descoberta da anestesia local Sigmund Freud (1856-1939 y Karl Köller (1857-1944 y el Descubrimiento de la anestesia local Sigmund Freud (1856-1939 and Karl Köller (1857-1944 and the Discovery of local anesthesia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Almiro dos Reis Jr

    2009-04-01

    Full Text Available JUSTIFICATVA E OBJETIVOS: O entendimento por vezes admitido de que Sigmund Freud teve a intuição de utilizar a cocaína como anestésico local para intervenções cirúrgicas, ou mesmo de que ele tenha tido algum papel na descoberta da anestesia local não é verídico. Os objetivos das pesquisas de Freud eram outros e o verdadeiro realizador da descoberta foi Karl Köller, sobre o que há argumentos irrefutáveis. Diante desses fatos, tem importância histórica o conhecimento correto da questão. CONTEÚDO: O texto refere-se às propriedades há muito conhecidas da cocaína. Recorda dados pessoais, atividades profissionais e científicas de Sigmund Freud e de Karl Köller. Apresenta as pesquisas de Freud sobre efeitos fisiopatológicos observados com a cocaína. Expõe as razões das duras críticas recebidas por Freud diante de conceitos por ele emitidos. Descreve a súbita, porém consciente e justificada idéia de Karl Köller de estudar cientificamente a cocaína como anestésico local em animais e seres humanos. Indica como foram realizadas as pesquisas pioneiras que culminaram com a descoberta da anestesia local por Köller e as duas exposições sobre esta, feitas em Viena. Relata a primeira intervenção cirúrgica oftalmológica sob anestesia local. Comprova a imediata difusão pelo mundo da descoberta que marcou o início da anestesia locorregional. Comenta numerosos documentos comprobatórios da prioridade de Köller na descoberta. Finalmente, menciona as numerosas homenagens recebidas por Köller em várias partes do mundo. CONCLUSÕES: A anestesia locorregional foi iniciada por Karl Köller em 1884, quando ele provou a possibilidade de praticar intervenções cirúrgicas oftalmológicas sem dor utilizando a cocaína como anestésico local. Sigmund Freud realizou muitas pesquisas sobre a cocaína, mas não participou diretamente do importantíssimo feito.JUSTIFICATIVA Y OBJETIVOS: Los que a veces se cree de que Sigmund Freud tuvo

  8. Anestesia em paciente com síndrome de Gilbert: relato de caso Anestesia en paciente con síndrome de Gilbert: relato de caso Anesthesia in a patient with Gilbert's syndrome: case report

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fabiano Timbó Barbosa

    2004-06-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: A síndrome de Gilbert é uma doença crônica benigna, a qual leva à icterícia recorrente com grande aumento da bilirrubina não conjugada, que pode levar à toxicidade após o uso de medicações utilizadas na prática diária. O objetivo deste relato é descrever a conduta anestésica em uma paciente com síndrome de Gilbert, submetida à cirurgia videolaparoscópica. RELATO DO CASO: Paciente do sexo feminino, com 22 anos, portadora da síndrome de Gilbert, submetida à cirurgia videolaparoscópica sob anestesia geral com propofol, alfentanil, succinilcolina, atracúrio e isoflurano. Não houve sinais de toxicidade durante a anestesia. A paciente apresentou recuperação pós-operatória sem intercorrências e recebeu alta hospitalar após três dias. CONCLUSÕES: O paciente portador da síndrome de Gilbert pode ser submetido à anestesia geral de forma segura sem o aparecimento de toxicidade desde que sejam evitados os fatores que possam levar à diminuição da atividade da glicuroniltransferase.JUSTIFICATIVA Y OBJETIVOS: La síndrome de Gilbert es una enfermedad crónica benigna la cual lleva a la ictericia recurrente con grande aumento de la bilirrubina no conjugada, que puede llevar a la toxicidad después del uso de medicamentos utilizadas en la práctica diaria. El objetivo de este relato es describir la conducta anestésica en una paciente con síndrome de Gilbert, sometida a cirugía videolaparoscópica. RELATO DEL CASO: Paciente del sexo femenino, con 22 años, portadora de la síndrome de Gilbert fue sometida a cirugía videolaparoscópica bajo anestesia general con propofol, alfentanil, succinilcolina, atracúrio e isoflurano. No hubo señales de toxicidad durante la anestesia. La paciente presentó recuperación pós-operatoria sin intercurrencias y recibió alta hospitalar después de tres días. CONCLUSIONES: El paciente portador del síndrome de Gilbert puede ser sometido a la anestesia general de

  9. A eficácia do mentol como anestésico para tambaqui (Colossoma macropomum, Characiformes: Characidae Efficacy of menthol as an anesthetic for tambaqui (Colossoma macropomum, Characiformes: Characidae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Michelle Ferreira Façanha

    2005-01-01

    Full Text Available Os anestésicos são importantes na piscicultura para reduzir o estresse e a mortalidade no manejo. Este trabalho tem como objetivo determinar a eficácia do mentol para tambaqui durante o manejo. Na primeira série de testes, foi examinado o efeito da concentração de anestésico sobre indução à anestesia e o estresse de tambaqui. Na segunda série de testes, foi avaliada a recuperação dos peixes após a exposição a uma concentração de 150 mg/L de mentol por diferentes tempos. Na terceira série, foi avaliada se a melhor concentração encontrada para juvenil (150 mg/L também era adequada para peixes maiores. A melhor concentração para uma anestesia cirúrgica foi 150 mg/L, pois o tempo de indução é rápido, porém a recuperação é significativamente mais demorada do que para as menores concentrações testadas. Para uma anestesia, com finalidade de biometria, a melhor concentração foi 100 mg/L. Nesta concentração o tempo de indução à anestesia é prolongado, porém o tempo de recuperação está dentro da faixa considerada adequada. O tempo de recuperação do tambaqui quando exposto a 150 mg/L é significativamente igual para 10, 20 e 30 minutos de anestesia. Os resultados obtidos mostram que o mentol é um anestésico eficiente para o tambaqui.Anesthetics are important in fish culture to reduce handling stress and mortality. The objective of this work is to investigate menthol as an anesthetic for tambaqui. In the first series of tests, fish were exposed to various concentrations of menthol to evaluate induction time and stress responses. The second series examined the effect of exposure period to menthol at 150 mg/L on recovery time. The third assessed the best dosage for juveniles in larger tambaqui. The best concentration for surgical anesthesia is 150 mg/L. At this concentration the induction time is short, but their recovery time is significantly longer than that for lower concentrations. For biometry procedures

  10. Anestesia regional e trombocitopenia não pré-eclâmptica; hora de repensar o nível seguro de plaquetas Anestesia regional y trombocitopenia no preclámptica; es hora de pensar de nuevo sobre el nivel seguro de plaquetas Regional anesthesia and non-preeclamptic thrombocytopenia: time to re-think the safe platelet count

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Motoshi Tanaka

    2009-04-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: Apesar de a anestesia regional ser amplamente utilizada no controle da dor em obstetrícia, seu uso pode não ser apropriado nas pacientes com trombocitopenia por causa do risco de hematoma no neuroeixo. Não existem fortes evidências sugerindo número mínimo de plaquetas necessário para garantir a segurança na realização da anestesia regional. O objetivo deste estudo foi rever a segurança da anestesia regional em pacientes com trombocitopenia não pré-eclâmptica na instituição durante período de cinco anos. MÉTODO: Foi realizada revisão retrospectiva dos prontuários médicos de todas as pacientes obstétricas não pré-eclâmpticas cujo parto foi realizado na instituição entre abril de 2001 e março de 2006 e que apresentaram contagem de plaquetas JUSTIFICATIVA Y OBJETIVOS: A pesar de que la anestesia regional esté siendo muy utilizada en el control del dolor en obstetricia, su uso puede no ser muy apropiado en las pacientes con trombocitopenia, debido al riesgo de hematoma en el neuro eje. No existen fuertes evidencias que sugieran un número mínimo de plaquetas necesario para garantizar la seguridad en la realización de la anestesia regional. El objetivo de este estudio fue analizar la seguridad de la anestesia regional en pacientes con trombocitopenia no preeclámptica en la institución durante un período de cinco años. MÉTODO: Fue realizada revisión retrospectiva de las historias clínicas médicas de todas las pacientes obstétricas no preeclámpticas cuyo parto fue realizado en la institución entre abril de 2001 y marzo de 2006 y que presentaron BACKGROUND AND OBJECTIVES: Although regional anesthesia is widely used for pain control in obstetrics, it may not be appropriate for patients with thrombocytopenia due to the risk of neuraxial hematoma. There is no strong evidence to suggest the minimum platelet count that is necessary to ensure the safe practice of regional anesthesia. The

  11. Procesamiento, caracterización y ensayos biológicos de titanio modificado electroquímicamente para implantes dentales

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Sandra Liliana Arias Suarez

    2013-01-01

    Full Text Available Las aplicaciones biomédicas del titanio y sus aleaciones son posibles debido a que éste material posee características deseables para el reemplazo de huesos, incluyendo buenas propiedades mecánicas, excelente resistencia a la corrosión y alta biocompatibilidad. Sin embargo, una de sus principales limitaciones radica en el encapsulamiento del material por un delgado tejido fibroso, el cual puede estar relacionado con el aflojamiento del implante. Como una alternativa para dar solución a esta limitación, en el presente trabajo se realizaron modificaciones químicas y electroquímicas a la superficie del titanio para evaluar su influencia en la oseointegración de los implantes, para lo cual se realizaron ensayos in vitro del material en contacto con osteoblastos. Los resultados de caracterización por microscopía electrónica de barrido (SEM, de medición de parámetros de rugosidad y de morfología de los osteoblastos, indicaron que existe una relación entre la rugosidad superficial y la adhesión de las células óseas. Las superficies con los mayores parámetros verticales de rugosidad, para las condiciones evaluadas, permitieron una mejor adhesión celular. Estos resultados sugieren que la combinación de técnicas químicas y electroquímicas puede permitir el control de la rugosidad de los implantes dentales de titanio y, por tanto, la optimización de su oseointegración.

  12. Estudo de lidocaína a 0,5% e combinação de lidocaína a 0,25% com fentanil e vecurônio em anestesia regional intravenosa para cirurgias de membros superiores Estudio de la lidocaína al 0,5% y en combinación de lidocaína al 0,25% con fentanilo y vecuronio en anestesia regional intravenosa para cirugías de miembros superiores Study of 0.5% lidocaine alone and combination of 0.25% lidocaine with fentanyl and vecuronium in intravenous regional anesthesia for upper limb surgeries

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Santhosh MCB

    2013-06-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: A anestesia regional intravenosa (ARIV para cirurgias de membros superiores com a tradicional alta dose de lidocaína pode levar a efeitos colaterais potencialmente letais. A fim de evitar esses efeitos, muitas técnicas modificadas de ARIV foram experimentadas com o uso de uma dose baixa de lidocaína, relaxante muscular e opioide. MÉTODOS: O presente estudo foi feito com 60 pacientes não medicados previamente, com classificação ASA 1-2, para comparar as características sensoriais e motoras, os parâmetros cardiorrespiratórios e os efeitos colaterais durante o período intraoperatório e de deflação pós-torniquete entre os pacientes que receberam 40 mL de lidocaína a 0,5% (n = 30 e aqueles que receberam uma combinação de 40 mL de lidocaína a 0,25% com 0,05 mg de fentanil e 0,5 mg de vecurônio (n = 30 em ARIV para cirurgias ortopédicas de membros superiores. Os resultados foram analisados com o uso do teste t de Student pareado para identificar a significância estatística. RESULTADO: A diferença entre os dois grupos em relação ao tempo médio de início e completo bloqueio sensitivo e motor foi estatisticamente significante. Porém, houve completo bloqueio sensitivo e motor em ambos os grupos 15 minutos após a injeção da solução anestésica. CONCLUSÃO: Embora a pequena demora observada no início e na obtenção completa dos bloqueios sensitivo e motor possa, teoricamente, atrasar o início da cirurgia em 10-15 minutos, clinicamente esse tempo seria gasto na preparação do campo cirúrgico. Portanto, essa combinação pode ser usada com segurança e eficácia em anestesia regional intravenosa para cirurgias ortopédicas de membros superiores com menor possibilidade de toxicidade anestésica local.JUSTIFICATIVA Y OBJETIVOS: La anestesia regional intravenosa (ARIV para cirugías de miembros superiores con la tradicional dosis alta de lidocaína, puede conllevar a efectos colaterales que

  13. Bupivacaína racêmica, levobupivacaína e ropivacaína em anestesia loco-regional para oftalmologia: um estudo comparativo Racemic bupivacaine, levobupi vacaine and ropivacaine in regional anesthesia for ophtalmology: a comparative study

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Edno Magalhães

    2004-04-01

    Full Text Available OBJETIVO: A bupivacaína racêmica, utilizada largamente em anestesia peribulbar devido à boa qualidade de bloqueio motor, apresenta menor margem de segurança para cardiotoxicidade em relação a ropivacaína e bupivacaína levógira. O objetivo deste estudo foi comparar o grau de bloqueio motor e alteração da pressão intra-ocular (PIO em anestesia peribulbar produzida pela bupivacaína racêmica, levobupivacaína e ropivacaína. MÉTODOS: Noventa e sete pacientes, estado físico I e II da classificação da Sociedade Americana de Anestesiologistas, submetidos a anestesia peribulbar, foram divididos em três grupos: grupo A-(n=16 bupivacaína racêmica 0,75% com adrenalina 1:200.000; grupo B -(n=16 bupivacaína levógira 0,75% com adrenalina 1:200.000; grupo C -(n=15 ropivacaína 0,75%. Utilizou-se 7ml da solução anestésica com 280 UI de hialuronidase, em punção única no rebordo orbital inferior. Foram registrados a PIO e grau de bloqueio motor 5 minutos antes da punção e 1, 2, 3, 4, 5 e 10 minutos após a punção. O bloqueio motor foi avaliado pela escala de Nicoll. Para a análise estatística, foram utilizados os testes de Wilcoxon, análise de freqüência simples e t de Student. Foi considerado significativo pBACKGROUND AND OBJECTIVE: Racemic bupivacaine, used in peribulbar anesthesia owing to its high potential to promote motor blockade, presents a smaller safety margin for cardiotoxicity in relation to ropivacaine and levobupivacaine. The objective of this study was to compare the degree of motor blockade and alteration of intraocular pressure (IOP produced by racemic bupivacaine, levobupivacaine and ropivacaine in peribulbar block. METHOD: Ninety seven patients, ASA physical status I and II, submitted to peribulbar anesthesia, were randomly allocated into three groups: group A-(n=16 receiving racemic bupivacaine 0.75% with epinephrine 1:200.000; group B -(n=16 levobupivacaine 0.75% with epinephrine 1:200.000; group C -(n=15

  14. Cateteres venosos centrais totalmente implantáveis para quimioterapia: experiência com 793 pacientes

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Esmálio Barroso de Oliveira

    Full Text Available OBJETIVO: estudar retrospectivamente os resultados obtidos com a implantação de cateteres totalmente implantáveis em pacientes submetidos à quimioterapia. MÉTODOS: foram colocados 815 cateteres totalmente implantáveis em 793 pacientes submetidos ao regime de quimioterapia preferencialmente utilizando-se a veia cefálica direita. Foram avaliadas as complicações precoces e tardias. RESULTADOS: a análise retrospectiva mostrou duração média dos cateteres de 339 dias. Em 733 (90% cateteres não se observou nenhuma complicação. Entre as complicações precoces observamos um pneumotórax, um mau posicionamento de cateter, uma punção arterial, um sangramento, um hemotórax e hemomediastino e seis hematomas na loja de implantação. Entre as complicações tardias, ocorreram 35 infecções relacionadas ao cateter, dez infecções no sítio cirúrgico, seis obstruções e 20 tromboses. Foram retirados 236 cateteres, 35 devido às complicações e 201 por final de tratamento. CONCLUSÃO: os cateteres totalmente implantáveis para quimioterapia são meios seguros para a administração de substâncias, em vista do baixo número de complicações observadas neste estudo.

  15. Alterações eletroneurofisiológicas em anestesia com sevoflurano: estudo comparativo entre pacientes saudáveis e pacientes com paralisia cerebral Alteraciones eletroneurofisiológicas en anestesia con sevoflurano: estudio comparativo entre pacientes saludables y pacientes con parálisis cerebral Electroneourophysiological changes in anesthesia with sevoflurane: comparative study between healthy and cerebral palsy patients

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Sérgio Silva de Mello

    2003-04-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: Estudos avaliando a farmacodinâmica de drogas anestésicas em Paralisia Cerebral (PC são escassos. O objetivo deste estudo foi comparar a resposta eletroneurofisiológica de pacientes normais e com PC à anestesia com sevoflurano, utilizando o EEG bispectral (BIS e potencial evocado somatossensitivo de curta latência (PESS como técnica de monitorização do grau de profundidade anestésica. MÉTODO: Foram selecionados 24 pacientes de 3 a 18 anos, candidatos a cirurgias na Rede Sarah de Hospitais do Aparelho Locomotor, divididos em 2 grupos: 1. PC - 12 crianças com PC tipo espástica; 2. Controle (C - 12 crianças sem doença do SNC. A anestesia foi realizada com sevoflurano associado a N2O a 60% em ventilação assistida. As variáveis BIS e ondas N9, N13, N19 e P/N 22 do PESS - latência e amplitude - foram avaliadas nas frações expiradas de sevoflurano (FEsev de 1,2 e 2,5% (0,5 e 1 CAM. Foram monitorizadas a temperatura e a P ET CO2. Para análise foram utilizadas média e desvio-padrão para o BIS, e média da variação percentual dos valores de latência e amplitude das ondas do PESS, nas duas concentrações do anestésico. RESULTADOS: Não houve diferença de sexo, idade, peso e temperatura entre os grupos. Sob efeito da anestesia, os valores de BIS foram mais reduzidos no grupo PC, sendo a diferença entre os grupos estatisticamente significante com a FEsev 2,5% (30,3 x 37,5; p JUSTIFICATIVA Y OBJETIVOS: Estudios evaluando la farmacodinámica de drogas anestésicas en Parálisis Cerebral (PC son escasos. El objetivo de este estudio fue comparar la respuesta eletroneurofisiológica de pacientes normales y con PC a la anestesia con sevoflurano, utilizando el EEG bispectral (BIS y potencial evocado somatosensitivo de corta latencia (PESS como técnica de monitorización del grado de profundidad anestésica. MÉTODO: Fueron seleccionados 24 pacientes de 3 a 18 años, candidatos a cirugías en la Red Sarah de

  16. Anestesia para correção cirúrgica de blalock-taussig e implante de marca-passo em adulto portador de ventrículo único: relato de caso Anestesia para corrección quirúrgica de blalock-taussig e implante de marcapaso en adulto portador de ventrículo único: relato de caso Anesthesia for blalock-taussig shunt and pacemaker placement in an adult patient with univentricular heart: case report

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Michelle Nacur Lorentz

    2008-06-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: O ventrículo único é uma cardiopatia complexa rara e grave, sem possibilidade de tratamento cirúrgico curativo, associada à alta mortalidade durante a primeira infância. O objetivo desse artigo foi descrever um caso raro de paciente adulto com ventrículo único não-operado que se internou para realização de valvoplastia pulmonar via hemodinâmica e acabou sendo submetido à cirurgia de Blalock-Taussig modificado e implante de marca-passo epicárdico. Teve como objetivo complementar chamar a atenção para as particularidades anestésicas do paciente adulto portador de cardiopatia congênita não-corrigida. RELATO DO CASO: Paciente de 34 anos, 60 kg, portadora de cardiopatia congênita complexa tipo ventrículo único, estenose infundibulovalvar pulmonar importante e hipertensão pulmonar moderada. Admitida no hospital sem condições de correção cirúrgica e com história pregressa de várias sangrias terapêuticas para tratamento de policitemia. Foi internada devido a piora da hipoxemia, um episódio de síncope e bloqueio atrioventricular total (BAVT de início recente. À internação apresentava estabilidade hemodinâmica, freqüência cardíaca de 42 bpm, SpO2 de 73%, cianose central e de extremidades e pressão arterial de 120 × 70 mmHg. Foi proposta a realização de cateterismo e valvoplastia pulmonar via hemodinâmica. Por causa da impossibilidade de realização dessa técnica com sucesso, foi indicada a realização de cirurgia de Blalock-Taussig com implante de marca-passo. O procedimento foi realizado no dia seguinte sem intercorrências e a paciente teve alta hospitalar sete dias após o procedimento cirúrgico com SpO2 de 85%, hematócrito de 49% e melhora da dispnéia. CONCLUSÕES: O sucesso do procedimento anestésico para correção cirúrgica de cardiopatia congênita complexa demanda conhecimento da fisiopatologia da doença, bem como das particularidades inerentes à técnica anest

  17. Anestesia venosa total (AVT em lactente com doença de Werdnig-Hoffmann: relato de caso Anestesia venosa total (AVT en lactante con enfermedad de Werdnig-Hoffmann: relato de caso Total intravenous anesthesia (TIVA in an infant with Werdnig-Hoffmann disease: case report

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luis Otavio Esteves

    2010-10-01

    Full Text Available Foi com grande interesse que li o artigo "Anestesia Venosa Total (AVT em Lactente com Doença de Werdnig-Hoffmann. Relato de Caso", de Resende e col. ¹, publicado nesta revista. Gostaria, em primeiro lugar, de parabenizar os autores pela iniciativa. Entretanto, dois pontos me chamaram a atenção. O primeiro refere-se à definição de lactente, a qual compreende o período de 1 a 12 meses de idade. A partir de 12 meses, define-se como pré-escolar ou apenas criança. No artigo, o autor coloca a idade do paciente como 1 ano, mas não especifica meses ou dias. Provavelmente, esse paciente tem mais de 12 meses, sendo, dessa forma, a definição de lactente inadequada. O segundo e mais importante ponto diz respeito à técnica usada e ao título do artigo. No título, utilizou-se a expressão "anestesia venosa total", mas no relato foi dito que, além de propofol e remifentanil, a anestesia foi mantida com oxigênio e N2O. Se foi usado um gás com propriedades anestésicas (N2O, não seria correto classificar essa técnica como venosa total. Além disso, ele cita o artigo de Crawford e col. ², que definiu doses de remifentanil para intubação em crianças. Esse estudo foi realizado utilizando-se oxigenação na concentração de 100%, pois os autores provavelmente entendem que a adição de gases com propriedades anestésicas interferiria nos resultados obtidosFue con un gran interés que leí el artículo "Anestesia Venosa Total (AVT en Lactante con Enfermedad de Werdnig-Hoffmann. Relato de Caso", de Resende y col. ¹, publicado en esta revista. Y de hecho quiero, en primer lugar, felicitar a los autores por la iniciativa. Sin embargo, dos puntos me llamaron la atención. El primero, se refiere a la definición de lactante, la cual abarca el período de 1 a 12 meses de edad. A partir de los 12 meses, se define como preescolar o apenas como niño. En el artículo, el autor coloca la edad del paciente como de 1 año, pero no especifica meses o d

  18. Ensayo clínico doble ciego, controlado para evaluar la efectividad analgésica de 100 microgramos de morfina intratecal en el control del dolor postoperatorio

    OpenAIRE

    Herrera Gómez, Pedro; García Ulloa, Adriana; Eslava Schmalbach, Javier

    2006-01-01

    Antecedentes:La morfina intratecal constituye una excelente alternativa para el manejo del dolor post-operatorio, en cirugías con anestesia espinal. La efectividad analgésica post-operatoria de 100 µg de morfina, adicionados al anestésico local en anestesia espinal, ha sido estudiada en cirugías de cesárea, resección transuretral de próstata y reemplazos articulares. El propósito de este estudio es valorar la efectividad analgésica de 100 µg de morfina intratecal en adultos jóvenes, sometidos...

  19. Anestesia para paciente portadora de múltiplas afecções endócrinas: relato de caso Anestesia para paciente portadora de múltiples afecciones endocrinas: relato de caso Anesthesia in a patient with multiple endocrine abnormalities: case report

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Renato Toledo Maciel

    2008-04-01

    -operatório para que se evitem ressecções incompletas do tumor. A multiplicidade dos desafios em um só paciente exige do anestesiologista o conhecimento de cada obstáculo e suas interações, traçando estratégias para contorná-los.JUSTIFICATIVA Y OBJETIVOS: El insulinoma es un tumor endocrino pancreático más común. Pude estar asociado a neoplasias endocrinas múltiples (NEM. Se ha relatado el caso de paciente con disturbios endocrinos múltiplos que, sin embargo, no se encuadra en síndromes (NEM ya conocidas, y con particularidades clínico anestésicas que influyeron en el manejo de su anestesia. RELATO DEL CASO: Paciente femenina, 23 años, con hipoglicemias de difícil control asociadas a la enfermedad de Cushing y prolactinoma, sin síntomas compresivos hipofisarios, y con estudios de tiroides y de paratiroides sin alteraciones. La investigación laboratorial encontró masa retroperitoneal de etiología desconocida que, relacionada con la situación clínica, conllevó a la hipótesis de insulinoma. Decía que era testigo de Jeová. La propuesta terapéutica era biopsia de la masa por videolaparoscopía y enucleación del insulinoma. Cuando se le hizo el examen, se le encontró obesa, con dientes protuberantes, Mallampati 3 y síntomas de apnea obstructiva del sueño. En los exámenes laboratoriales, el resultado relevante fue el hematócrito de 58%. Recibió midazolan (7,5 mg y clonidina (200 µg vía oral, como medicación preanestésica. La inducción anestésica fue realizada con fentanil (150 µg, clonidina (90 µg, propofol (150 µg y pancuronio (8 mg, siendo realizada la intubación traqueal sin problemas. Se establecieron el acceso venoso central y el monitoreo invasivo de la presión. Se mantuvo infusión de glicosis al 5% con electrolitos y se monitoreó la glicemia capilar a cada 30 minutos, que no mostró episodios de hipoglicemia durante la operación. Se mantuvo hemodinámicamente estable incluso durante el neumoperitoneo. En el postoperatorio present

  20. Influência da anestesia venosa total, entropia e laparoscopia sobre o estresse oxidativo

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rogean Rodrigues Nunes

    2012-08-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: Estudos recentes correlacionam mortalidade pós-operatória e anestésica, especialmente a profundidade anestésica e pressão arterial sistólica (PAS. O objetivo deste estudo foi avaliar os efeitos da profundidade da anestesia venosa total (AVT realizada com remifentanil e propofol com monitoração da entropia de resposta (RE sobre as concentrações sanguíneas dos marcadores do estresse oxidativo: TBARS e glutationa, durante operações pelo acesso vídeolaparoscópico. MÉTODO: Vinte pacientes adultas, ASA I, IMC 20-26 kg.m-2, idades entre 20 e 40 anos, foram aleatoriamente distribuidas em dois grupos iguais: Grupo I - submetidas a procedimento anestésico-cirúrgico com RE mantida entre 45 e 59 e Grupo II - submetidas a procedimento anestésico-cirúrgico com RE entre 30 e 44. Em ambos os grupos, a infusão de remifentanil e propofol foi controlada pelo sitio efetor (Se, ajustados para manter RE nos valores desejados (Grupos I e II e avaliando-se sempre a taxa de supressão (TS. As pacientes foram avaliadas em seis momentos: M1(imediatamente antes da indução anestésica, M2 (antes da intubação traqueal [IT], M3 (5 minutos após IT, M4 (imediatamente antes do pneumoperitônio-PPT, M5 (1 minuto após o PPT e M6 (uma hora após a operação. Em todos os momentos foram avaliados os seguintes parâmetros: PAS, PAD, FC, RE, TS, TBARS e glutationa. RESULTADOS: Observaram-se aumentos no TBARS e glutationa em M5, tanto no Grupo I como no Grupo II (p GI em M5 - p < 0,05% sugerem interferência de mais um fator (anestesia profunda, como responsável pelo aumento no MA, provavelmente como resultados de maior depressão do sistema nervoso autônomo e menor autorregulação esplâncnica.

  1. Falha prematura em implantes orais = Early oral implant failures

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fadanelli, Alexandro Bianchi

    2005-01-01

    Full Text Available Atualmente, ainda há uma percentagem significativa de fracassos de implantes na prática clínica, causando transtorno para o profissional e para o paciente. O objetivo deste estudo foi avaliar a bibliografia disponível sobre o assunto, apresentar um caso clínico e discutir os aspectos relacionados aos insucessos na terapia com implantes ocorridos durante o período de osteointegração. A avaliação da literatura mostrou haverem múltiplos fatores possivelmente envolvidos nas falhas de implantes, sendo que através do estudo das falhas pode-se minimizar sua ocorrência

  2. Anestesia em paciente portador de distrofia muscular de Duchenne: relato de casos Anestesia en un paciente portador de distrofia muscular de Duchenne: relato de casos Anesthesia for Duchenne muscular dystrophy patients: case reports

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rodrigo Machado Saldanha

    2005-08-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: Este estudo objetiva relatar dois casos de anestesia em pacientes portadores de Distrofia Muscular de Duchenne (DMD, uma doença rara, progressiva e incapacitante, e discutir sobre a conduta anestésica. O comprometimento das funções pulmonar e cardíaca, a possibilidade de ocorrência de hipertermia maligna, a maior sensibilidade aos bloqueadores neuromusculares e o aumento da morbidade pós-operatória são alguns dos desafios enfrentados pelo anestesiologista. RELATO DOS CASOS: O primeiro caso foi o de um paciente pediátrico com diagnóstico de DMD e rabdomiossarcoma, agendado para exérese da lesão e esvaziamento cervical ampliado. Na avaliação pré-anestésica (anamnese, exame clínico e exames complementares não foram detectadas alterações, exceto pela tumoração cervical. Optou-se pela técnica venosa total, com remifentanil em infusão contínua e propofol em infusão alvo-controlada, sem a utilização de bloqueadores neuromusculares. O procedimento cirúrgico teve duração de 180 minutos, sem intercorrências. O segundo caso foi de um paciente do sexo masculino, 24 anos, com diagnóstico de DMD e colelitíase com indicação cirúrgica, cuja avaliação pré-operatória revelou pneumopatia restritiva grave, com diminuições da capacidade e da reserva respiratórias, sendo necessário o uso de BIPAP nasal noturno. Neste paciente, optou-se pela intubação traqueal com sedação mínima e anestesia tópica, seguida pela técnica venosa total com remifentanil em infusão contínua e propofol em infusão alvo-controlada, sem a utilização de bloqueadores neuromusculares. Ao término, o paciente foi extubado ainda na sala de operações e imediatamente colocado no BIPAP nasal. Encaminhado à UTI, com alta no 2º PO e alta hospitalar no 3º PO. CONCLUSÕES: A anestesia venosa total com infusão contínua de propofol e remifentanil sem bloqueadores neuromusculares constitui-se em opção segura e

  3. Anestesia epidural com associação medetomidina e lidocaína, em gatos pré-medicados com acepromazina e midazolam

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    D.A.S.D. Lima

    2011-04-01

    Full Text Available Avaliaram-se os efeitos anestésicos promovidos pela associação medetomidina e lidocaína por via epidural, em gatos pré-tratados com acepromazina e midazolam. Foram utilizados 10 gatos adultos, machos e fêmeas, hígidos e com média de peso de 2,5±0,6kg, distribuídos em dois grupos (GM e GL de igual número (n=5. Administraram-se, como medicação pré-anestésica, acepromazina, 0,2mg/kg, e midazolam, 0,5mg/kg, via intramuscular, e 20 minutos depois, nos animais do GM, por via epidural, lidocaína, 4,4mg/kg, associada à medetomidina, 0,02mg/kg. Os gatos do GL receberam lidocaína, 4,4mg/kg, associada à solução de NaCl a 0,9%. As avaliações ocorreram antes da pré-anestesia (MPA, 20 minutos após a MPA e antes da anestesia epidural, e aos 10, 20, 30 e 40 minutos após a anestesia epidural, respectivamente, T-20, T0, T10, T20, T30 e T40. Foram avaliados: frequência cardíaca (FC e respiratória (FR, temperatura do corpo, saturação de oxiemoglobina, analgesia, miorrelaxamento e período de recuperação. No GM, a FC diminuiu em T20, T30 e T40 em relação ao T-20 e T10 e foi mais baixa que a FC do GL em T20, T30 e T40, respectivamente, 86, 91 e 88 bat/min e 194, 205 e 177 bat/min. A FR variou entre o T-20 e os outros momentos de avaliação nos animais do GL. Nas variáveis eletrocardiográficas, houve diferenças entre T20, T30 e T40 e T-20 e T0, valores de 235, 238 e 240ms e 156 e 161ms, respectivamente, somente no GM. Este grupo diferiu do GL nas avaliações em T20, T30 e T40, valores de 147, 132 e 150ms para os gatos do GL. Oitenta por cento dos gatos tiveram analgesia intensa, e em todos os animais ocorreu relaxamento da mandíbula e da língua. O tempo de recuperação foi de 40 e 15min no GM e no GL, respectivamente. Concluiu-se que a associação lidocaína com medetomidina promoveu plano anestésico estável com grau de anestesia e recuperação anestésica de boa qualidade.

  4. Avaliação da indução, recuperação, agitação ao despertar e consumo com uso de duas marcas de sevoflurano para anestesia ambulatorial

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cíntia Reina Grisan Tomal

    2012-04-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: O sevoflurano por suas características farmacológicas é o anestésico ideal para procedimentos de curta duração. Existem duas marcas de sevoflurano no mercado brasileiro, o Sevocris® e Sevorane®, com diferentes formulações e envasamento. O objetivo deste estudo foi analisar se existem diferenças entre os dois anestésicos na indução, manutenção, recuperação e consumo. MÉTODO: Foram incluídas 130 crianças dividas em dois grupos segundo a marca do agente utilizado: Grupo 1 sevoflurano da Cristália® e Grupo 2 da Abbott®. Foram analisados os seguintes parâmetros: frequência cardíaca, pressão arterial sistólica e diastólica, fração inspirada e expirada de sevoflurano, valores de BIS, temperatura timpânica, tempos de indução e recuperação, agitação ao despertar pela escala PAED e consumo do anestésico por pesagem dos vaporizadores. A indução foi realizada com 1 CAM e incrementadas a cada três movimentos respiratórios em 0,5 CAM, até no máximo 3 CAM. RESULTADO: Não houve diferença entre os grupos quanto ao tempo de procedimento e de anestesia e nos parâmetros avaliados na indução. No Grupo 1, o número de crianças que necessitaram bolus adicionais de sevoflurano na manutenção da anestesia foi maior que no 2 (p < 0,05. A fração inspirada e expirada de sevoflurano no final do procedimento foi menor no Grupo 1 (p < 0,001. No momento do despertar o valor do BIS foi menor no Grupo 1 (p = 0,045. Outros parâmetros avaliados na recuperação não mostraram diferença entre os grupos. O consumo de anestésico foi semelhante entre os grupos.

  5. Implantes eletrônicos para restabelecimento da visão em cegos Electronic implants to restore vision in blind patients

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Eduardo Büchele Rodrigues

    2004-04-01

    Full Text Available O sucesso recente no desenvolvimento de uma prótese eletrônica coclear para surdos estimulou vários grupos de cientistas ao desenvolvimento de próteses visuais. A maioria dos protótipos de próteses visuais está baseada em estimulação elétrica neuronal em diferentes localizações do sistema visual até o sistema nervoso central. Atualmente os esforços estão concentrados em três localizações de implantes visuais: retina, nervo óptico e córtex. Implantes de retina e do nervo óptico têm o potencial de restabelecer a visão em pacientes com degenerações retinianas progressivas por meio de estimulação elétrica de neurônios do sistema visual. Próteses corticais podem beneficiar um número maior de pacientes cegos devido à sua localização mais posterior no sistema visual. Apesar dos grandes avanços, torna-se ainda necessária a elucidação de questões importantes na avaliação do funcionamento, em longo prazo, dos vários implantes eletrônicos para cegos, em estudo. Neste artigo analisamos os motivos que justificam o início dos experimentos nas três posições mencionadas e os desafios advindos de tal decisão.Recent success in the development of a prosthesis for the deaf patient encouraged several groups of scientists to develop and investigate a visual prosthesis. Visual prosthesis are based on neuronal electrical stimulation at different locations along the visual pathways, and three localizations of visual prosthesis are being researched, retina, optic nerve, and cortex. Retina and optic nerve implants may restore vision in patients with progressive retinal degenerations by means of electrical stimulation of visual pathway neurons. Cortex prosthesis may restore vision in a greater number of blind patients due to the more posterior location in the visual pathway. While major advances have been made in the field of visual prosthesis for the blind, a number of key questions remain to render a visual prosthesis

  6. Anestesia para cirurgia bariátrica: avaliação retrospectiva e revisão da literatura Anestesia para cirugía bariátrica: evaluación retrospectiva y revisión de la literatura Anesthesia for bariatric surgery: retrospective evaluation and literature review

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Airton Bagatini

    2006-06-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: O tratamento cirúrgico para a obesidade mórbida é forma eficaz de manutenção do controle ponderal por longo prazo. O objetivo deste trabalho foi realizar um levantamento das complicações, das comorbidades e dos principais aspectos do manuseio anestésico de pacientes submetidos à cirurgia da obesidade e comparar os resultados com os dados encontrados na literatura. MÉTODO: O trabalho foi realizado por meio de revisão bibliográfica e análise retrospectiva do prontuário dos pacientes submetidos à cirurgia bariátrica entre setembro de 2001 e dezembro de 2004. Todos foram submetidos ao mesmo procedimento, técnica de Capella, por laparotomia, realizada por uma única equipe cirúrgica e no mesmo hospital. RESULTADOS: Houve predomínio de pacientes do sexo feminino, a média de idade foi de 39,6 anos e o índice de massa corporal (IMC médio foi de 44,65 kg/m². A hipertensão arterial sistêmica (HAS foi a doença mais prevalente e as complicações encontradas foram trombose de veia subclávia, infecção pulmonar, bloqueio neuromuscular residual, sangramento gastrintestinal no pós-operatório, obstrução intestinal e deiscência anastomótica. O índice de mortalidade foi de 0,7%. CONCLUSÕES: As doenças como HAS e osteoartrose são muito prevalentes em pacientes obesos. Dentre as complicações do pós-operatório destacam-se as do sistema respiratório. Com isso percebe-se a importância do uso de técnica anestésica e de analgesia pós-operatória, que permita ao paciente a deambulação precoce, bem como a capacidade de respirar e tossir de forma adequada. Observou-se que muitos aspectos da anestesia do paciente obeso já estão definidos como benéficos ou prejudiciais; entretanto, vários assuntos ainda encontram-se indefinidos e cabe estudar e discutir para que se consiga melhorar cada vez mais o manuseio anestésico desses pacientes.JUSTIFICATIVA Y OBJETIVOS: El tratamiento quirúrgico para la

  7. Dilemas bioéticos na prática da anestesia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    José Abelardo Garcia de Meneses

    2001-10-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: As relações da sociedade humana com o universo e a aplicação de novos conceitos éticos estudados por filósofos, fundamentalmente para acompanhar a evolução das ciências biomédicas, originaram a Bioética. O objetivo é tratar dos avanços nas relações humanas entre médicos e pacientes, propostos pelos princípios bioéticos em adição aos tradicionais princípios hipocráticos, aqui discutidos no particular da prática desta ciência fascinante a Anestesiologia. O presente trabalho visa estimular e aprofundar as discussões bioéticas na área da Anestesiologia. CONTEÚDO: São discutidos os limites entre o ato médico benevolente e não-maleficente, indissociavelmente comprometido com o bem-estar do paciente, os benefícios da conduta médica paternalista, visando à preservação da saúde e da vida, e do outro lado, o respeito à autonomia do cidadão-doente, potencial paciente, e o seu direito ao consentimento livre, renovável, revogável e plenamente esclarecido para quaisquer atos médicos. CONCLUSÕES: Com base no quanto é apresentado no presente trabalho o anestesiologista deve sempre decidir beneficentemente em defesa da saúde do indivíduo e da sacralidade da vida, entendendo os limites entre a autonomia do paciente e o direito do médico aplicar tratamento arbitrário à revelia da vontade daquele, em obediência aos princípios da beneficência e da não-maleficência, disponibilizando os benefícios da ciência médica (justiça em favor da vida, posto que, em anestesia muitas vezes, há um limite incompreensivelmente tênue entre vida e morte.

  8. Bupivacaína levógira a 0,5% pura versus mistura enantiomérica de bupivacaína (S75-R25 a 0,5% em anestesia peridural para cirurgia de varizes Bupivacaína levógira a 0,5% pura versus mezcla enantiomerica bupivacaína (S75-R25 a 0,5% en anestesia peridural para cirugía de várices Plain 0.5% levogyrous bupivacaine versus 0.5% bupivacaine enantiomeric mixture (S75-R25 in epidural anesthesia for varicose vein surgery

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    José Delfino

    2001-12-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: A cardiotoxicidade da bupivacaína racêmica (50:50 ainda é a grande variável relacionada à segurança de indicação nos bloqueios regionais que exigem massas e volumes elevados. Recentes experimentações em animais sugerem que a modificação da relação enantiomérica da bupivacaína racêmica poderia contribuir para sua eficácia terapêutica e diminuição de sua toxicidade potencial. O objetivo do presente estudo foi comparar a eficiência da mistura enantiomérica de bupivacaína (S75-R25 com a levógira pura S(-100 na anestesia peridural lombar para cirurgias de varizes dos membros inferiores. MÉTODO: O estudo envolveu 30 pacientes do sexo feminino com idades entre 15 e 65 anos, estado físico ASA I ou II, programados para cirurgia eletiva de varizes. Em teste aleatório e duplamente encoberto, os pacientes foram divididos em dois grupos de 15: Grupo S75-R25 - 20 ml (100 mg de mistura enantiomérica de bupivacaína a 0,5% (S75-R25 - e Grupo Levógiro - 20 ml (100 mg de bupivacaína levógira S(-100% a 0,5% sem adjuvante. Foram comparadas as características dos bloqueios sensitivo e motor bem como a incidência de efeitos colaterais. RESULTADOS: Foram detectadas diferenças intergrupais relacionadas às características demográficas e um maior tempo cirúrgico no grupo S75-R25. A dispersão mais rápida e a menor potência analgésica da mistura isomérica exibiram significância estatística. Não houve diferença significativa relacionada à ocorrência de efeitos colaterais. O grupo levógiro apresentou menor relaxamento muscular. CONCLUSÕES: A redução da incidência de efeitos colaterais, a receptividade do método pelos pacientes, a ausência de sintomatologia neurológica transitória pós-operatória apontam para a aplicação segura de ambas as soluções em anestesia peridural lombar para cirurgia de varizes dos membros inferiores. A casuística, entretanto, não é ainda suficiente para

  9. Gastrostomia de incisão única como alternativa para o procedimento endoscópico

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ricardo Zorrón

    Full Text Available OBJETIVO: A gastrostomia, realizada para possibilitar acesso nutricional ou descompressão, é comumente realizada por via endoscópica, por radiologia intervencionista, e, mais raramente, por via cirúrgica através de videolaparoscopia ou incisão mediana supra-umbilical. Os métodos endoscópico e radiológico, apesar de estabelecidos em muitos centros, não constituem rotina em hospitais comunitários pela necessidade de pessoal qualificado e material descartável, sendo usualmente realizada a gastrostomia cirúrgica com incisão mediana e anestesia geral. A Gastrostomia de Incisão Única descrita neste trabalho é um novo método cirúrgico menos invasivo, que foi desenvolvido para ser realizado sob anestesia local, com uma única incisão e sem necessidade de equipamento especial. MÉTODO: Quinze pacientes elegíveis para gastrostomia por diferentes indicações foram operados sob anestesia local. Após incisão subcostal de 1cm sobre o músculo reto abdominal esquerdo, uma área de parede gástrica era localizada, com ajuda de azul de metileno injetado no estômago, e exteriorizada através da incisão. Duas suturas em bolsa eram realizadas e a sonda gástrica introduzida. O estômago era fixado à aponeurose, resultando em uma gastrostomia de incisão única, segura e bem fixada. Alimentação pôde ser iniciada através da gastrostomia em 24 a 48hs. RESULTADOS: Todos os pacientes foram submetidos à técnica com sucesso. Complicações menores ocorreram em três pacientes: um apresentou alargamento do estoma, necessitando de sutura local adicional, e em outro, ocorreu deiscência parcial de mucosa que foi tratada conservadoramente. Em um terceiro paciente, houve lesão iatrogênica de cólon transverso, que foi suturada sem intercorrências. O tempo operatório médio foi de 49,4 min, e a introdução de alimentação foi de 34,3 hs em média. Não houve falha na instituição de dieta com esta técnica, nem complicações maiores como

  10. Estado neurológico e cardiorrespiratório de filhotes de cães nascidos de parto normal ou de cesariana sob anestesia geral inalatória com sevofluorano Neurological and cardiocirculatory investigation of dog neonates born by normal parturition or cesarean section on sevoflurane inhalation anesthesia

    OpenAIRE

    Daniela Tozadore Gabas; Lidia Mitsuko Matsubara; Valéria Nobre Leal de Souza Oliva; Leandro Rodello; Cláudio Nazaretian Rossi; Silvia Helena Venturolli Perri

    2006-01-01

    A anestesia obstétrica possibilita um procedimento mais seguro para a mãe e para os fetos. Em medicina veterinária, no entanto, a literatura científica a respeito do assunto é deficiente. Este trabalho teve como objetivo avaliar o grau de depressão neurológica, hemodinâmica e respiratória fetais provocado pelo agente anestésico, em que as mães foram submetidas ao parto normal ou à cesariana, utilizando-se sevofluorano como agente de manutenção anestésica, comparando-o com o parto normal. Fora...

  11. Topografia do cone medular da irara (Eira barbara e sua relevância em anestesias epidurais

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Érika Branco

    2013-06-01

    Full Text Available Encontrada principalmente na América do Sul, a irara é um carnívoro pertencente à família Mustelidae, a qual pouco se tem informações sobre sua morfologia de forma geral. Diante disso, objetivou-se conhecer melhor parte do sistema nervoso desta espécie, mais precisamente a topografia do cone medular, a fim de subsidiar intervenções anestésicas peridurais nesta, uma vez que a clínica de animais selvagens vem crescendo a cada dia. Foram estudados três exemplares machos, adultos, provenientes da área de Mina Bauxita, Paragominas, doados ao Laboratório de Pesquisa Morfológica Animal (LaPMA, Universidade Federal Rural da Amazônia (UFRA, Belém, os quais foram radiografados e dissecados ao nível lombossacral, seguido de exposição do cone medular. Este, por sua vez, situou-se entre L4-L6 possuindo comprimento médio de 4,31cm, o que nos levou a sugerir a região sacrococcígea como ponde ideal para prática de anestesias epidurais nesta espécie.

  12. Anestesia em paciente com Distrofia Muscular de Duchenne: relato de caso

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Tonelli Deoclécio

    2003-01-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: A distrofia muscular de Duchenne é uma afecção recessiva ligada ao cromossomo X, geralmente diagnosticada na infância, acentuando-se progressivamente até agravar a função respiratória. O objetivo deste relato é apresentar um caso de um paciente com distrofia muscular de Duchenne diagnosticada há 2 anos, submetido à postectomia, sob anestesia geral com cetamina S. RELATO DO CASO: Paciente com 9 anos de idade com Distrofia Muscular de Duchenne diagnosticada há 2 anos, submetido à anestesia geral com levo-cetamina (1,5 mg.kg-1, por via venosa, sob ventilação espontânea assistida manualmente por sistema de Baraka (Mapleson A e bloqueio peniano com bupivacaína a 0,5% (25 mg. Foram usados monitores de pressão arterial não invasiva, oximetria de pulso, cardioscopia e temperatura esofagiana. No decorrer da cirurgia, o caso evoluiu sem intercorrências, sendo que no período pós-operatório o paciente apresentou alguns episódios de vômitos sem outras alterações significativas. Permaneceu internado por 24 horas, tendo alta hospitalar assintomático. CONCLUSÕES: A avaliação pré-anestésica cuidadosa, o uso de monitorização adequada e medicações que não predisponham o aparecimento de complicações tornam seguro o procedimento em pacientes portadores de Distrofia Muscular de Duchenne e seu pós-operatório.

  13. Alterações transitórias do exame neurológico durante o despertar da anestesia com enflurano, isoflurano ou sevoflurano Alteraciones transitorias del examen neurológico durante el despertar de la anestesia con enflurano, isoflurano o sevoflurano Transient neurological changes during emergence from enflurane, isoflurane or sevoflurane anesthesia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luiz Fernando Soares

    2001-12-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: Anormalidades transitórias do exame neurológico ocorrem durante o despertar da anestesia com halotano, enflurano e isoflurano. Pouco se conhece sobre a ocorrência de anormalidades do exame neurológico durante a recuperação da anestesia com sevoflurano. Este estudo teve como objetivo comparar a prevalência de tais achados durante a recuperação da anestesia com enflurano (Grupo E, isoflurano (Grupo I e sevoflurano (Grupo S. MÉTODO: Foram estudados 44 pacientes que receberam anestesia com enflurano, isoflurano ou sevoflurano em N2O a 50%. Foram anotados antes da indução, imediatamente após a cessação da administração do anestésico e 5, 10, 15, 20, 30 e 40 minutos após: temperatura timpânica, nível de consciência, tônus muscular, reflexos pupilar, ciliar, bicipital, patelar e cutâneo-plantar, bem como a ocorrência de calafrios. RESULTADOS: As respostas dos reflexos pupilar, ciliar, patelar e cutâneo-plantar correlacionaram-se com o nível de consciência. Os grupos não diferiram quanto à prevalência de hipertonia muscular, hiperreflexia bicipital, clônus plantar e resposta extensora cutâneo-plantar. Hiperreflexia patelar foi mais freqüente no grupo do enflurano do que no grupo do isoflurano. Calafrios foram mais freqüentes nos grupos E e I do que no grupo do sevoflurano. A temperatura timpânica não diferiu entre os pacientes que apresentaram ou não calafrios. CONCLUSÕES: Alterações reversíveis do exame neurológico podem estar presentes por até 40 minutos durante a recuperação da anestesia com enflurano, isoflurano ou sevoflurano.JUSTIFICATIVA Y OBJETIVOS: Anormalidades transitorias del examen neurológico ocurren durante el despertar de la anestesia con halotano, enflurano e isoflurano. Poco se conoce sobre la ocurrencia de anormalidades del examen neurológico durante la recuperación de la anestesia con sevoflurano. Este estudio tuvo como objetivo comparar la prevalencia de tal

  14. Espondilodiscitis secundaria a anestesia peridural Spondilodiscitis secondary to peridural anesthesia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Yvei González Orlandi

    2010-12-01

    Full Text Available Se presenta el caso de un paciente con espondilodiscitis secundaria al uso de anestesia peridural lumbar para la resección transuretral de una hiperplasia fibroadenomatosa de la próstata. El cuadro clínico estuvo determinado por lumbalgia aguda con incremento progresivo que llevó al confinamiento en cama del paciente. En el examen físico del sistema osteomioarticular predominó la contractura paravertebral lumbar, así como en la palpación de esta región. En el examen neurológico no se encontraron alteraciones. La tomografía axial computarizada multicorte, así como la gammagrafía ósea de columna lumbar, confirmaron el diagnóstico. Se indicó tratamiento médico basado en los síntomas, antibioticoterapia combinada y ortesis externa. La recuperación total del paciente ocurrió a los 6 meses del inicio de la enfermedad.This is the case of a patient presenting with spondilodiscitis secondary to use of lumbar peridural anesthesia for transurethral resection of a prostatic fibroadenoma hyperplasia The clinical picture was determined by a acute lumbar pain with a progressive increase leading to put to bed the patient. In physical examination of osteomyoarticular system there was predominance of lumbar paravertebral contracture, as well as in palpation of this region. In neurological examination there weren't alterations. The multi-scan computed axial tomography and the spine column bone scintigraphy confirmed the diagnosis. Medical treatment was prescribed based on symptoms, combined antibiotic drug therapy and external orthesis. The total recovery of patient occurred at 6 months from the onset of disease.

  15. Bloqueio extraconal para facectomia com implante de lente intra-ocular: influência do fentanil associado ao anestésico local na qualidade do bloqueio e na analgesia pós-operatória Bloqueo extraconal para facectomia con implantación de lente intra-ocular: influencia del fentanil asociado al anestésico local en la calidad del bloqueo y en la analgesia pos-operatoria Extraconal block for cataract extraction surgery with implantation of intraocular lens: contribution of fentanyl associated to local anesthetics for quality of block and postoperative analgesia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Daniel Espada Lahoz

    2003-09-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: A anestesia locorregional para cirurgias oftalmológicas oferece vantagens, como: mínimas alterações fisiológicas, anestesia completa, bloqueio dos reflexos oculares, pequena incidência de náuseas e vômitos, menor tempo de recuperação e analgesia pós-operatória. A preocupação constante com a qualidade do bloqueio, assim como da abordagem da analgesia pós-operatória deve ficar sob a responsabilidade do anestesiologista. O objetivo deste estudo foi avaliar se o fentanil contribui na qualidade do bloqueio extraconal e na analgesia pós-operatória de facectomias com implante de lente intra-ocular. MÉTODO: Estudou-se a associação do fentanil e bupivacaína a 0,75% na qualidade do bloqueio ocular e na analgesia pós-operatória em 164 pacientes submetidos a facectomia com implante de lente intra-ocular (técnica extracapsular, de ambos os sexos com homogeneidade de parâmetros antropométricos, olho operado, classificação do estado físico (ASA e índice de risco cardíaco de Goldman. Os pacientes foram distribuídos em dois grupos (82 pacientes em cada grupo por sorteio de forma aleatória, com e sem fentanil. Avaliou-se a qualidade do bloqueio por: aparecimento da dor no per-operatório, manutenção de movimentação das pálpebras ou do globo ocular, persistência do reflexo de Bell, número de bloqueios realizados para a obtenção de condições cirúrgicas e avaliação do bloqueio pelo cirurgião. A analgesia pós-operatória foi avaliada pela necessidade de complementação analgésica pelo paciente. RESULTADOS: Fentanil associado à solução anestésica no bloqueio extraconal aumentou significativamente o bloqueio do músculo reto medial (com fentanil - 17,1%, sem fentanil - 32,9% e diminuiu o consumo de analgésicos no período pós-operatório (uso de analgésicos com fentanil - 20,7%, não uso de analgésicos com fentanil - 41,5%. CONCLUSÕES: Nas condições deste estudo o fentanil

  16. ANESTESIA PARA AMPUTACIÓN SUPRACONDÍLEA EN PACIENTE CON SÍNDROME CORONARIO AGUDO / Anesthesia for supracondylar amputation in patient with acute coronary syndrome

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marilyn Ramírez Méndez

    2012-03-01

    Full Text Available Resumen La insuficiencia arterial periférica es una enfermedad que se asocia a factores de riesgo aterogénico reconocidos, y es más frecuente en personas con hiperlipidemia, diabetes mellitus y hábito de fumar. Se presenta el caso de una mujer de 67 años de edad, con antecedentes de hipertensión arterial, diabetes mellitus e infarto de miocardio antiguo, que ingresa por signos de inflamación aguda del miembro inferior derecho como consecuencia de una insuficiencia arterial periférica. A los 8 días del ingreso presentó un síndrome coronario agudo sin elevación del segmento ST, con fallo de bomba Killip II, y una vez compensada fue anunciada para amputación supracondílea de urgencia, debido a una gangrena isquémica. Se decidió utilizar anestesia espinal subaracnoidea selectiva del miembro inferior derecho, a cual se aplicó sin complicaciones y favoreció el adecuado desarrollo de la cirugía planificada. A las 72 horas la paciente fue egresada de la UCI, sin síntomas cardiovasculares y compensación metabólica. / Abstract Peripheral arterial insufficiency is a disease that is associated with known atherogenic risk factors, and is more common in people with hyperlipidemia, diabetes mellitus and smoking habit. A case of a 67-year-old woman with a history of hypertension, diabetes mellitus and old myocardial infarction is presented. She was admitted for signs of acute inflammation of the right leg due to peripheral arterial insufficiency. 8 days after admission she presented an acute coronary syndrome without ST segment elevation with pump failure (Killip class II, and once compensated she was scheduled for emergency supracondylar amputation due to ischemic gangrene. It was decided to use selective spinal subarachnoid from the right leg, which was applied without complications and favored the proper development of the planned surgery. At 72 hours, the patient was discharged from the ICU, with metabolic compensation and without

  17. Implantes dentales para mejorar la biomecánica y estética de la prótesis parcial removible

    OpenAIRE

    Rengifo Alarcón, Carlos Alberto; Balarezo Razzeto, José Antonio; Matta Morales, Carlos; Vicente Zamudio, Eduardo Gregorio

    2014-01-01

    Existe un alto porcentaje de la población mundial que presenta algún grado de edentulismo parcial; es por eso que han surgido diferentes alternativas de tratamiento para poder solucionar y dar calidad de vida a estos pacientes. La prótesis parcial removible convencional surgieron en un inicio, para ayudar a estos pacientes, pero presentaban algunos inconvenientes en retención, soporte y estabilidad sobre todo en prótesis dentomucosoportadas, con la introducción de los implantes estos inconven...

  18. Electrocardiographic study on geriatric dogs undergoing general anesthesia with isoflurane Estudo eletrocardiográfico em cães geriátricos submetidos à anestesia geral com isofluorano

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Andreza Conti-Patara

    2009-04-01

    évias, e determinar as possíveis causas de alterações no segmento ST e onda T durante a anestesia, por meio da monitoração da ventilação e da oxigenação. Para tanto, foram avaliados 36 cães idosos. Os exames pré-anestésicos incluíram o eletrocardiograma e os níveis séricos de uréia, creatinina, proteína total, albumina e eletrólitos. A medicação pré-anestésica foi realizada com acepromazina (0,05mg kg-1 associada à meperidina (3,0mg kg-1 por via intramuscular. A indução da anestesia foi realizada com propofol e a manutenção foi feita com isofluorano com oxigênio a 100%. Durante a anestesia, os animais foram monitorados continuamente com um eletrocardiógrafo computadorizado. A pressão arterial sistêmica, a freqüência cardíaca, a freqüência respiratória, o dióxido de carbono expirado, a pressão parcial arterial de dióxido de carbono, a saturação de oxigênio arterial, a pressão parcial de oxigênio arterial e a saturação de oxigênio na hemoglobina também foram monitorados durante a anestesia. Durante a manutenção da anestesia, 78% dos animais apresentaram ritmo sinusal normal. As alterações no segmento ST e onda T foram freqüentes e relacionadas à hipoventilação. O isofluorano não promoveu o aparecimento de arritmias, sendo assim um fármaco indicado em animais idosos. As alterações em segmento ST e onda T foram evidentes em animais com hipercapnia. A correção da hipercapnia deve ser implementada por meio de ventilação controlada e/ou assistida a fim de prevenir arritmias mais complicadas.

  19. Implante por cateter de bioprótese valvar para tratamento da estenose aórtica: experiência de três anos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fabio Sandoli de Brito Junior

    2012-08-01

    Full Text Available FUNDAMENTO: O implante por cateter de bioprótese valvar aórtica é uma nova modalidade de tratamento para portadores de estenose aórtica inoperáveis ou de alto risco cirúrgico. Objetivo: Relatar a experiência de três anos do implante por cateter da bioprótese CoreValve. MÉTODOS: Entre janeiro de 2008 e janeiro de 2011, 35 pacientes com estenose aórtica (33 casos ou disfunção de bioprótese valvar aórtica (dois casos de alto risco cirúrgico foram submetidos ao implante da bioprótese CoreValve. RESULTADOS: A média de idade dos pacientes foi 81,5 ± 9 anos, e 80% apresentavam-se em classe funcional III ou IV de insuficiência cardíaca. O EuroScore foi 18,4 ± 14,3% e o STS 14,5 ± 11,6%. Obteve-se sucesso do implante em 34 (97,1% pacientes. Após a intervenção houve redução do gradiente transvalvar de 84,9 ± 22 para 22,5 ± 9,5 mmHg e 87,1% dos pacientes evoluíram em classe funcional I ou II. A mortalidade aos 30 dias e no seguimento médio de 400 ± 298 dias foi, respectivamente, de 11,4% e 31,4%. A ocorrência de complicações hemorrágicas com risco de morte foi o único preditor independente de mortalidade cardiovascular. Acidente vascular cerebral ocorreu em 5,7% dos pacientes. Marca-passo permanente foi necessário em 32,1% dos casos no primeiro mês após o procedimento. CONCLUSÃO: O implante por cateter de bioprótese valvar aórtica é um procedimento seguro e eficaz para ser empregado em portadores de estenose aórtica de alto risco cirúrgico. O dispositivo CoreValve é eficaz no médio-prazo, em seguimento de até três anos.

  20. Anestesia em paciente portadora de doença de moyamoya: relato de caso Anestesia en paciente portadora de enfermedad de moyamoya: relato de caso Anesthesia in patient with moyamoya disease: case report

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Adriano Bechara de Souza Hobaika

    2005-06-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: A doença de moyamoya é uma vasculopatia cerebral progressiva rara, mais freqüentemente diagnosticada em populações asiáticas, mas que também vem sendo identificada no Brasil. Durante a sua vida, pacientes portadores desta doença podem ser submetidos aos mais variados tipos de procedimentos cirúrgicos. O anestesiologista deve entender a fisiopatologia da doença e instituir as medidas peri-operatórias mais adequadas, no intuito de melhorar o prognóstico destes pacientes. RELATO DO CASO: Paciente do sexo feminino, 22 anos, com insuficiência renal crônica, portadora da doença de moyamoya, submetida à intervenção cirúrgica para instalação de fístula arteriovenosa. A anestesia foi induzida com fentanil, propofol e atracúrio e mantida com sevoflurano. Durante o procedimento, a paciente foi mantida em normocapnia e normotermia. A extubação foi realizada e a paciente transferida à sala de recuperação pós-anestésica sem complicações. CONCLUSÕES: Este artigo apresenta os cuidados anestésicos dispensados a uma paciente portadora da doença de moyamoya.JUSTIFICATIVA Y OBJETIVOS: La enfermedad de moyamoya es una vasculopatia cerebral progresiva rara, más frecuentemente diagnosticada en individuos asiáticos, y que también viene siendo identificada en Brasil. Durante su vida, pacientes portadores de esta enfermedad pueden ser sometidos a los más variados tipos de procedimientos quirúrgicos. El anestesiologista debe entender la fisiopatología de la enfermedad e instituir las medidas peri-operatorias más adecuadas, en el designio de mejorar el pronóstico de estos enfermos. RELATO DEL CASO: Paciente del sexo femenino, 22 años, insuficiencia renal crónica, portadora de la enfermedad de moyamoya, sometida a intervención quirúrgica para la instalación de fístula arteriovenosa. La anestesia fue inducida con fentanil, propofol y atracúrio y mantenida con sevoflurano. Durante el procedimiento

  1. Eugenol as anesthetic for silver catfish (Rhamdia voulezi with different weightEugenol como anestésico para jundiá (Rhamdia voulezi em diferentes pesos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Wilson Rogerio Boscolo

    2012-08-01

    Full Text Available The study aimed to find the better concentration of eugenol for anesthesia of silver catfish (Rhamdia voulezi with different weights. Were used 240 catfish distributed in randomized blocks in factorial scheme (5x4 total 20 treatments, in others words, five different weights: 32,5; 75; 150; 300 e 450g and four eugenol concentrations: 50, 75, 100 e 125 mg.l-1. For each treatment were used 12 fish randomly chosen and exposed individually for each concentration. After of anesthesia the fish were transferred for net-cage with 0,7m3, being fed and observed by 96 hours for monitoring of mortality. The eugenol was efficient for anesthesia in silver catfish all concentrations and weights and after of 96 hours no mortality have been verified. At these experimental conditions the best concentration of eugenol for anesthetic inducing and recuperation of silver catfish with weight varying from 32,5 and 450 g is 50 mg.l-1. O presente estudo teve como objetivo encontrar a melhor dose de eugenol para a anestesia do jundiá (Rhamdia voulezi em diferentes classes de peso. Foram utilizados 240 jundiás distribuídos em delineamento experimental em blocos em esquema fatorial (5 x 4 totalizando 20 tratamentos, ou seja, cinco diferentes classes de peso: 32,5; 75; 150; 300 e 450g e quatro concentrações de eugenol (50, 75, 100 e 125 mg.l-1. Para cada tratamento foram utilizados 12 peixes escolhidos aleatoriamente (n = 12 e expostos individualmente para cada concentração. Após o procedimento de anestesia os peixes foram transferidos para tanques-rede com 0,7m3, onde receberam alimentação e ficaram em observação durante 96 horas para o monitoramento da mortalidade. O eugenol foi eficiente para a anestesia em jundiás nas diferentes concentrações analisadas e nos distintos pesos, e após 96 horas de acompanhamento à recuperação anestésica, não foram verificadas mortalidades dos animais. Nas condições deste experimento a melhor concentração de eugenol

  2. Benzocaine hydrochloride anesthesia in carp (Cyprinus carpio / Cloridrato de benzocaína na anestesia de carpas (Cyprinus carpio

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marco Antonio da Rocha

    2008-08-01

    Full Text Available Fish anesthesia is indicated to allow the accomplishment of several procedures such as biometry, tagging, transportation, physical examination, surgical procedures, and reproductive management. The doses of benzocaine in the carp anesthesia (Cyprinus carpio were determined, carrying through six phases with 40 fish each. The average weight of carps in each phase was of 147.45±7.99g, 173.32±9.15g, 191.26±14.05g, 269.84±19.24g, 285.25±17.97g, and 300.91±16.45g. In each phase, fish had been captured and placed in four containers each one with different concentrations of benzocaine (100, 140, 180 and 220 mg/L respectively. The induction time (IT was registered for each fish and after that the anesthetic induction biometry was performed. In each phase the minimal dose of benzocaine was calculated using the Linear Response Plateau (LRP, in a model that included dose and IT. The LRP was calculated for each phase: 125.79mg/L in 114.33s, 155.68mg/L in 115.75s, 145.33mg/L in 102.52s, 149.50mg/L in 140.53s, 166.42mg/L in 116.15s, and 158.34mg/L in 102.00s. The optimal dose was related with the weight, resulting in the equation: dose=114.230+0.158 x weight (r2=0.53. The equation shows that an increase in the weight in 1g corresponds to an increase of 0.158 mg/L in the dose of benzocaine hydrochloride for carps.A anestesia em peixes é indicada para permitir a realização de diversos procedimentos como: biometria, marcação, transporte, exame físico, procedimentos cirúrgicos e manejo reprodutivo. Determinou-se a dose de benzocaína na anestesia de carpas (Cyprinus carpio, com a realização de seis etapas com 40 peixes cada. O peso médio das carpas em cada etapa foi de 147,45±7,99g, 173,32±9,15g, 191,26±14,05g, 269,84±19,24g, 285,25±17,97g, e 300,91±16,45g. Em cada etapa, os peixes foram capturados e colocados em quatro recipientes com benzocaína nas concentrações de 100, 140, 180 e 220 mg/L respectivamente. O tempo de indução (TI foi

  3. Eficácia do mentol como anestésico para juvenis de tilápia-do-nilo (Oreochromis niloticus)

    OpenAIRE

    Simões,L.N.; Gomes,L.C.

    2009-01-01

    Em três experimentos, testou-se a eficiência do mentol como anestésico para a tilápia-do-nilo (Oreochromis niloticus), por meio da avaliação de eventos comportamentais, da verificação da margem de segurança do anestésico e das respostas de estresse. No primeiro experimento, foram testadas seis diferentes concentrações de mentol para avaliar o tempo de indução à anestesia. No segundo, foram realizados dois testes com o objetivo de verificar a margem de segurança do anestésico. No terceiro, ava...

  4. Anestesia en la operación de Blalock-Taussig

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Lincoln de la Parte Pérez

    2001-09-01

    Full Text Available A pesar de los avances en la última década de las técnicas quirúrgicas para la reparación total de los defectos congénitos cianóticos del corazón, aún algunos pacientes necesitan procedimientos quirúrgicos paliativos durante los primeros meses de vida. Se presenta un estudio retrospectivo de 160 pacientes operados con la técnica paliativa de Blalock-Taussig, en el Cardiocentro del Hospital Pediátrico Universitario "William Soler", en el período de 1990 a 1993. Padecían de Tetralogía de Fallot 120 pacientes, 35 de atresia pulmonar y el resto 5, de transposición de los grandes vasos. El fentanyl fue el agente más utilizado en la inducción y mantenimiento de la anestesia y aportó gran estabilidad hemodinámica. Las complicaciones transoperatorias más frecuentes fueron las arritmias cardíacas (25 pacientes, 15,6 % y dentro de éstas, la mayoría extrasístoles ventriculares (18 pacientes. No hubo fallecidos durante el transoperatorio.In spite of the advances achieved by the surgical techniques for the total repair of congenital cyanotic heart defects in the last decade, some patients still need palliative surgical procedures during the first months of life. A retrospective study of 160 patients that were operated on by using Blalock-Taussig palliative technique at the Heart Center of "William Soler" Pediatric Teaching Hospital, from 1990 to 1993, was conducted. 120 patients suffered from Tetralogy of Fallot, 35 from pulmonary atresia, and the other 5 from transposition of great vessels. Fentanyl was the most used agent in the induction and maintenance of anesthesia and it produced a high hemodynamic stability. The most common transoperative complications were cardiac arrhytmias (25 patients, 15.6 % and, within them, the most were ventricular extrasystoles (18 patients. There were no deaths during the transoperative.

  5. Procesamiento cerámico de β-TCP para la fabricación de piezas implantables

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Franco, J.

    2006-08-01

    Full Text Available This work describes a method for obtaining large-scale productions of β-TCP by mass-precipitation from calcium and phosphate solutions. The setting of the synthesis conditions was made by studying operational parameters like the concentrations of the reagents, the speed of the mixing of the reagents, pH of precipitation and ageing of the precipitate. This synthesis procedure allows obtaining high purity β-TCP under ASTM F1088-87. Starting from synthesized β-TCP were made rods for implantation by die pressing, slip casting, gel casting and low pressure injection moulding. These rods were well characterized and implanted in Beagle dogs. Thin film histological results for 2, 7, and 14 months of implantation period, shown a good biocompatibility for the material and its resorbable behaviour.

    El trabajo describe la puesta a punto de un método de obtención de grandes cantidades de fosfato tricálcico (β-TCP, por precipitación a partir de disoluciones de sales de calcio y de fosfatos. Para ello se estudia la influencia de los parámetros de operación tales como concentración de reactivos, velocidad de adición, pH de precipitación y tiempo de envejecimiento del precipitado. El procedimiento, que es escalable a nivel industrial, permite obtener β-TCP de elevada pureza, que cumple ASTM F1088-87. Con el material obtenido se procesan barras implantables por prensado, colado, gel-casting e inyección, que se caracterizan detalladamente, y posteriormente se implantan en la tibia de perros Beagle. El estudio histológico en lámina delgada de los implantes, tras períodos de implantación de 2, 7 y 14 meses, permite evaluar la excelente biocompatibilidad del material y su carácter reabsorbible.

  6. Anestesia en el tronco arterioso común

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Lincoln de la Parte Pérez

    2003-04-01

    Full Text Available El tronco arterioso es una anomalía congénita del corazón poco frecuente, que se asocia con una alta mortalidad. El 50 % de los pacientes fallece antes de los 3 meses de edad y el 80 % antes del año. La causa más frecuente de muerte es el fallo cardíaco agudo. Presentamos una experiencia en 2 lactantes operados en el Cardiocentro del Hospital Pediátrico Universitario "William Soler", durante el año 2001: una niña de 7 meses de edad, desnutrida, con un tronco común tipo II, hipertensión pulmonar y síndrome de DiGeorge, el segundo paciente era un lactante de 3 meses de edad, con un tronco común tipo I. Se utilizó fentanyl en la inducción y el mantenimiento de la anestesia. La temperatura recta se bajó a 25 °C y los tiempos de circulación extracorpórea fueron de 100 y 121 min y el de pinzamiento aórtico de 30 y 31 min. Se utilizó apoyo farmacológico con dobutrex en dosis bajas. Se emplearon fentanyl, vasodilatadores en infusión continua e hiperventilación, como medidas para evitar la crisis de hipertensión pulmonar. Los enfermos evolucionaron satisfactoriamente durante todo el transoperatorio.The truncus arteriosus is a rare congenital abnormality that is associated with high mortality. 50 % of the patients died before being 3 months old and 80 % before the first year. The most frequent cause of death is acute heart failure. The cases of 3 infants operated on at the Heart Center of William Soler Pediatric Teaching Hospital during 2001 are presented: a seven-old month malnourished girl with a type II common truncus, pulmonary hypertension and DiGiorgio's syndrome, and a 3-month-old female infant with type I common truncus. Fentanyl was used in the induction and maintenance of anesthesia. The straight temperature was lowered to 25 °C, whereas the times of extracorporeal circulation were 100 and 121 min and those of the aortic clamping were 30 and 31 min. Low doses of dobutrex were administered as pharmacological support

  7. Caracterización electroquímica de dos materiales de implante tipo titanio para aplicaciones en implantología oral

    OpenAIRE

    Echavarría Velásquez, Alejandro Iván; Arroyave Posada, Carlos Enrique

    2002-01-01

    Se presentan los resultados de las evaluaciones electroquímicas para dos materiales de implante certificados para uso odontológico: aleación Ti 6Al 4V (TAV) y titanio comercialmente puro (Ti) en solución de Ringer y en solución de saliva artificial, por medio de las técnicas de espectroscopia de impedancia electroquímica (EIS) y curvas de polarización potenciodinámicas (CP). Los resultados EIS mostraron que los arcos exhibidos en los diagramas de Nyquist disminuyen con el tiempo de inmersión....

  8. Anesthesia of silver catfish with eugenol: time of induction, cortisol response and sensory analysis of fillet Anestesia de jundiás com eugenol: tempo de indução, resposta ao cortisol e análise sensorial do filé

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Mauro Alves da Cunha

    2010-10-01

    Full Text Available The aim of this study was to identify the time of anesthetic induction and recovery of silver catfish (Rhamdia quelen exposed to eugenol. It was also determined the efficacy of the anesthetic as a stress reducing agent and performed a sensory analysis of the fillets from fish exposed to this substance. The silver catfish were exposed to air for 1min to carry out biometry, and blood was collected at 0, 1 and 4 hours later. Eugenol can be used in the range of 20-50mg L-1 for anesthetic induction in silver catfish, and recovery time from anesthesia was not affected by eugenol concentration. The control group showed significantly higher cortisol levels 4 hours after biometry than at time zero. Fish anesthetized with eugenol (50mg L-1 presented significantly lower plasma cortisol levels than control fish at the same time. These data indicate that eugenol inhibits the rise of cortisol in the blood. The sensory analysis test demonstrated that eugenol modifies the flavor of the fillet and therefore is contra-indicated for anesthetization of silver catfish that are intended for human consumption.O objetivo deste estudo foi identificar o tempo de indução e recuperação anestésica de jundiás (Rhamdia quelen expostos ao eugenol, bem como a eficácia desse anestésico na inibição do estresse e realizar análise sensorial dos filés dos peixes expostos a essa substância. Os jundiás foram expostos ao ar por um minuto para realização da biometria, e o sangue foi coletado zero, uma e quatro horas depois. O eugenol pode ser usado na faixa de 20-50mg L-1 para a indução da anestesia em jundiás, e o tempo de recuperação da anestesia não foi afetado pela concentração do eugenol. O grupo de controle mostrou níveis significativamente mais elevados do cortisol quatro horas após a biometria que no tempo zero. Os peixes anestesiados com eugenol (50mg L-1 apresentaram níveis significativamente mais baixos do cortisol plasmático do que peixes do grupo

  9. Estudo clínico prospectivo aleatório sobre o uso da máscara laríngea Supreme® em pacientes submetidos a anestesia geral

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Sara R. Barreira

    2013-12-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: Dispositivos supraglóticos são cada vez mais usados como opção à intubação traqueal durante procedimentos eletivos de complexidade variável. O objetivo deste estudo foi avaliar prospectivamente o uso clínico da máscara laríngea Supreme® (MLS em pacientes submetidas a procedimentos cirúrgicos eletivos na mama e compará-la ao tubo endotraqueal (TE. MÉTODO: 60 pacientes submetidas a procedimentos cirúrgicos da mama sob anestesia geral foram distribuídas aleatoriamente em dois grupos de acordo com o dispositivo usado (MLS ou TE. Foram avaliados: tempo de inserção, número de tentativas para inserção, resposta hemodinâmica à inserção, presença de sangue no dispositivo usado e incidência de dor de garganta, disfagia, náuseas e vômitos no pós-operatório. RESULTADOS: Não houve diferença entre os grupos com relação ao tempo de inserção, ao número de tentativas para inserção bem-sucedida e à presença de sangue no dispositivo. A frequência cardíaca e a pressão arterial após a inserção foram maiores no grupo TE. A incidência de dor de garganta e disfagia após duas horas de pós-operatório também foi maior no grupo TE. Não houve diferença na incidência e na intensidade das complicações avaliadas após seis horas de pós-operatório. CONCLUSÕES: O uso da MLS como técnica de acesso à via aérea durante a anestesia geral em procedimentos cirúrgicos eletivos na mama é tão seguro e eficiente quanto a intubação traqueal, com a vantagem de desencadear menor resposta hemodinâmica durante a sua execução e menor incidência de dor de garganta e disfagia nas primeiras horas de pós-operatório.

  10. Metodología para la manufactura de implantes craneales a partir de imágenes DICOM y tecnologías CAD/CAM/CNC Metodología para la manufactura de implantes craneales a partir de imágenes DICOM y tecnologías CAD/CAM/CNC

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Iván López

    2005-12-01

    Full Text Available El presente artículo propone una metodología para el diseño y la fabricación de implantes craneales a partir de imágenes DICOM y tecnologías CAD/CAM/CNC. Esta metodología parte de las Tomografías Axiales Computarizadas (TAC de la cabeza del paciente, con las cuales se lleva a cabo la reconstrucción tridimensional del cráneo. Luego, en el sistema CAD se reconstruye el implante variando la técnica empleada dependiendo de la región del cráneo con defecto o trauma. Una vez obtenido el modelo, se diseña el montaje y se fabrica el implante con soporte en tecnología CAM/CNC.It’s proposed a methodology in order to design and manufacture cranial implants using DICOM and CAD/CAM/CNC technologies. This methodology begins when the designer makes a three-dimensional cranial reconstruction using the Axial Computer Tomographies (ACT of the patient’s cranium. Next, using a CAD system, the designer rebuilds the implant varying the used technique depending on the affected region. Finally, the designer builds the assembling and manufactures the implant.

  11. Anestesia do pirarucu por aspersão da benzocaína diretamente nas brânquias Anesthesia in pirarucu by benzocaine sprays in the gills

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Alexandre Honczaryk

    2010-02-01

    Full Text Available O pirarucu (Arapaima gigas é um peixe que pode atingir mais de 2m e 100kg. No entanto, por ser um animal de grande porte, o risco de acidentes é bastante elevado durante o manejo. Logo, anestésicos são essenciais para segurança no trabalho. Nesse contexto, estudou-se a possibilidade do uso da benzocaína aspergida diretamente nas brânquias do pirarucu, para indução à anestesia do peixe pulmonado da Amazônia sem riscos de afogamento. Foram testadas as concentrações de 25, 50 e 75mg L-1 em indivíduos adultos (55,1±7,0kg e 1,80±0,1m e as concentrações de 50 e 100mg L-1 em juvenis (6,0±0,6kg e 87,2±5,6cm. Os resultados mostram viabilidade do uso da benzocaína aspergida diretamente nas brânquias do pirarucu em concentrações de 50 a 100mg L-1, proporcionando anestesia com ausência de movimentação por aproximadamente 2min, tempo suficiente para procedimentos rápidos, como biometria, injeções, marcação, coleta de raspados de muco na superfície do corpo e brânquias. Mortalidade de animais não foi observada mesmo um mês após os testes.Pirarucu (Arapaima gigas is a fish that may achieve more than 2m and 100kg. Thus handling of this fish may impose risks to workers. In this way, anesthetics are imperative for safety at work, but usual anesthetics baths are not feasible for pirarucu because of the fish size and the species pulmonary respiration. Pirarucu may die drowned if submersed as the other fishes in anesthetics baths. Therefore, this work tested the possible use of benzocaine directly sprinkled in the gills of pirarucu. In the first experiment, benzocaine solutions in concentrations of 25, 50 and 75mg L-1 were tested for adult fish (55.1±7.0kg e 1.80±0.1m. In the second one, the anesthetic in concentrations of 50 and 100mg L-1 were tested for juveniles (6.0±0.6kg e 87.2±5.6cm. Benzocaine sprinkled directly in the gills of pirarucu showed to be an efficient anesthetic both for juveniles and adult fish. It was

  12. Eficácia do mentol como anestésico para juvenis de tilápia-do-nilo (Oreochromis niloticus Menthol efficiency as anesthetic for juveniles Nile tilapia Oreochromis niloticus

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    L.N. Simões

    2009-06-01

    Full Text Available Em três experimentos, testou-se a eficiência do mentol como anestésico para a tilápia-do-nilo (Oreochromis niloticus, por meio da avaliação de eventos comportamentais, da verificação da margem de segurança do anestésico e das respostas de estresse. No primeiro experimento, foram testadas seis diferentes concentrações de mentol para avaliar o tempo de indução à anestesia. No segundo, foram realizados dois testes com o objetivo de verificar a margem de segurança do anestésico. No terceiro, avaliou-se o efeito estressante do anestésico. A concentração 250mg L-1 de mentol foi a mais adequada para indução de anestesia cirúrgica. Para anestesia voltada para biometria e breve inspeção visual do animal, a concentração mais adequada foi 150-200mg L-1. O dobro da concentração ideal (500mg L-1 não acarretou a morte nos indivíduos, indicando boa margem de segurança para o uso desse anestésico. O mentol, mesmo em sua concentração adequada, induziu ao aumento na glicose sanguínea, caracterizando estresse no peixe. Conclui-se que o mentol não é um anestésico eficaz para juvenis de tilápia durante procedimentos de rotina na piscicultura.This work tested the effectiveness of menthol as anesthetic for Nile tilápia (Oreochromis niloticus by the evaluation of behavioral events, the safety margin of the anesthetic, and stress response. On first experiment, six different anesthetic concentrations were tested to evaluate the induction time to anesthesia. On second experiment, two tests were carried out to verify the safety margin of the anesthetic. On third experiment, stress responses were evaluated. The safe concentration to induce a surgical anesthesia was 250mg L-1. To a brief handling and visual inspection, the appropriated concentration was 150-200mg L-1. There was no mortality after exposure to 500mg L-1, indicating a good safety margin for this anesthetic. Menthol even in its adequate dosage induced a rise in glucose

  13. Colocación de implantes glúteos y de cadera: una alternativa para mejorar el contorno en hipoplasia glúteo-trocantérea

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    L.

    Full Text Available La mejoría del contorno glúteo y de caderas en un paciente varón que desea un contorno femenino es difícil de conseguir cuando no es posible disponer de una cantidad de grasa suficiente para inyectar y lograr una mejoría integral. Presentamos la técnica quirúrgica utilizada en un paciente transexual masculino que había tenido dos intentos fallidos de feminizar su contorno de glúteos y caderas. Utilizamos implantes ovales de silicona cohesiva, tanto para la región glútea como para las caderas, inyectando grasa en las áreas de transición entre los dos implantes. Con esta combinación obtuvimos un contorno femenino integral, eliminando por completo el aspecto masculino de la región glúteo-trocantérea. En conclusión, pensamos que la combinación empleada supone una opción novedosa y no descrita hasta el momento para el tratamiento de pacientes transexuales que buscan un contorno glúteo más femenino de forma integral, con resultados predecibles y muy gratificantes, que mejora las deficiencias que los pacientes masculinos tienen en esta zona en comparación con el contorno de los glúteos femeninos.

  14. Colocación de implantes glúteos y de cadera: una alternativa para mejorar el contorno en hipoplasia glúteo-trocantérea Placement of buttock and hip implants: an alternative for contour improvement in buttock and hips hypoplasia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    L. Cárdenas-Camarena

    2012-03-01

    Full Text Available La mejoría del contorno glúteo y de caderas en un paciente varón que desea un contorno femenino es difícil de conseguir cuando no es posible disponer de una cantidad de grasa suficiente para inyectar y lograr una mejoría integral. Presentamos la técnica quirúrgica utilizada en un paciente transexual masculino que había tenido dos intentos fallidos de feminizar su contorno de glúteos y caderas. Utilizamos implantes ovales de silicona cohesiva, tanto para la región glútea como para las caderas, inyectando grasa en las áreas de transición entre los dos implantes. Con esta combinación obtuvimos un contorno femenino integral, eliminando por completo el aspecto masculino de la región glúteo-trocantérea. En conclusión, pensamos que la combinación empleada supone una opción novedosa y no descrita hasta el momento para el tratamiento de pacientes transexuales que buscan un contorno glúteo más femenino de forma integral, con resultados predecibles y muy gratificantes, que mejora las deficiencias que los pacientes masculinos tienen en esta zona en comparación con el contorno de los glúteos femeninos.Improvement of the gluteal and hip contour in patients seeking a more feminine shape is difficult to achieve, specially for those who don't have enough fat to transfer from other areas of the body. We describe the surgical technique used to improve hips and buttocks contour in a genetic male transsexual. This patient previously underrwent two unsuccessful surgeries to feminize his hip and buttock contour. Our successful approach involved the use of an oval-shaped cohesive silicone gel implants placed in both, the hip and buttock areas, along with fat injection in the areas between the two implants. A natural, feminine contour was achieved using the combination of buttock and hip implants with lipofilling using patient's own fat. These procedures completely eliminated the male contour previously noted in the gluteal trochanteric region

  15. Anestesia no cardiovascular en el paciente con cardiopatía congénita y flujo pulmonar aumentado

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Lincoln de la Parte Pérez

    2003-12-01

    Full Text Available Los lactantes y dentro de éstos los de menor edad y peso corporal, que padecen de cardiopatías congénitas con flujo pulmonar aumentado y son sometidos a anestesia para procedimientos quirúrgicos no cardiovasculares, tienen un gran riesgo anestésico, por lo que es necesario enfatizar que estos pacientes presentan habitualmente múltiples alteraciones anatómicas y de la fisiología cardiovascular con repercusión en diferentes órganos y sistemas, diversas enfermedades asociadas que empeoran el pronóstico y necesitan frecuentemente tratamiento médico con digitálicos, diuréticos y fármacos vasoactivos desde muy temprano, de modo que la evaluación preoperatoria, incluidas las investigaciones no invasivas, deben ser realizadas por cardiólogos experimentados y cuando se programan para procedimientos quirúrgicos, deben ser remitidos para un centro con recursos y la experiencia necesaria en el manejo de los pacientes con cardiopatías congénitas. Se presenta una revisión bibliográfica actualizada sobre el manejo anestésico de estos pacientes.Infants and among them the youngest and with the least body weight suffering from congenital heart diseases with increased pulmonary flow and who receive anesthesia to undergo noncardiovascular surgical procedures, are at a great anesthetic risk . That's why, it is necessary to make emphasis on the fact that these patients usually present multiple anatomical alterations and cardiovascular physiology disorders with repercussion on different organs and systems, diverse associated diseases that worsen the prognosis, and that they frequently need medical treatment with digitalis, diuretics and vasoactive drugs very early. Taking this into account, the preoperative evaluation, including non-invasive research should be carried out by experienced cardiologists and when they are scheduled for surgical procedures, they should be referred to a center with resources and the necessary experience in the

  16. El estrabismo en el niño y anestesia Strabismus in the child and anesthesia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Joaquín L. de la Lastra Rodríguez

    2001-06-01

    Full Text Available Se analiza el manejo anestésico de 41 niños tratados por estrabismo con anestesia general, administrada a 37 de ellos por vía endotraqueal para la corrección quirúrgica y a los 4 restantes por vía intravenosa para la inyección de toxina botulínica (TBX tipo A en microdosis intraocular. Se destacan aspectos importantes de interés anestesiológico como son las implicaciones clínicas que pudieran resultar del manejo anestésico, los cuidados especiales que requieren estos pacientes, la importancia de la evaluación preoperatoria que considere aspectos de interés especial y propios, etc. No hubo complicaciones transoperatorias. El vómito fue la complicación posoperatoria vista en 6 pacientes y sólo 1 sometido a tratamiento quirúrgico requirió además del mantenimiento de una hidratación intravenosa con la administración de una dosis de dimenhidrinato, antihistamínico de fuerte acción antiemética. Se presenta el manejo anestésico para la inyección intraocular de microdosis de TBX tipo A realizada con buenos resultados con Atropina, Diazepán y Clorhidrato de Ketamina por vía intravenosa.The anesthetic management of 41 children with strabismus treated with general anesthesia is analyzed. 37 of them were administered intratracheal anesthesia for surgical correction and the other 4 intravenous anesthesia for the injection of an intraocular microdose of botulinum toxin A (TBX. Important aspects of anesthesiologic interest as the clinical implications that may result from the anesthetic management, the special care required by these patients, the importance of the preoperative evaluation that takes into account aspects of special interest, of the authors' interest and others, are stressed . There were no transoperative complications. Vomiting was the postoperative complication observed in 6 patients and only one of those who underwent surgery required besides the maintenance of an intravenous hydration the administration of a dose

  17. Implante por cateter de bioprótese valvar para tratamento da estenose aórtica: experiência de três anos Transcatheter bioprosthesis implantation for the treatment of aortic stenosis: three-year experience

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fabio Sandoli de Brito Junior

    2012-08-01

    Full Text Available FUNDAMENTO: O implante por cateter de bioprótese valvar aórtica é uma nova modalidade de tratamento para portadores de estenose aórtica inoperáveis ou de alto risco cirúrgico. Objetivo: Relatar a experiência de três anos do implante por cateter da bioprótese CoreValve. MÉTODOS: Entre janeiro de 2008 e janeiro de 2011, 35 pacientes com estenose aórtica (33 casos ou disfunção de bioprótese valvar aórtica (dois casos de alto risco cirúrgico foram submetidos ao implante da bioprótese CoreValve. RESULTADOS: A média de idade dos pacientes foi 81,5 ± 9 anos, e 80% apresentavam-se em classe funcional III ou IV de insuficiência cardíaca. O EuroScore foi 18,4 ± 14,3% e o STS 14,5 ± 11,6%. Obteve-se sucesso do implante em 34 (97,1% pacientes. Após a intervenção houve redução do gradiente transvalvar de 84,9 ± 22 para 22,5 ± 9,5 mmHg e 87,1% dos pacientes evoluíram em classe funcional I ou II. A mortalidade aos 30 dias e no seguimento médio de 400 ± 298 dias foi, respectivamente, de 11,4% e 31,4%. A ocorrência de complicações hemorrágicas com risco de morte foi o único preditor independente de mortalidade cardiovascular. Acidente vascular cerebral ocorreu em 5,7% dos pacientes. Marca-passo permanente foi necessário em 32,1% dos casos no primeiro mês após o procedimento. CONCLUSÃO: O implante por cateter de bioprótese valvar aórtica é um procedimento seguro e eficaz para ser empregado em portadores de estenose aórtica de alto risco cirúrgico. O dispositivo CoreValve é eficaz no médio-prazo, em seguimento de até três anos.BACKGROUND: Transcatheter aortic bioprosthesis implantation is a new treatment modality for patients with aortic stenosis who are inoperable or at high surgical risk. OBJECTIVE: To report the three-year experience with transcatheter CoreValve® bioprosthesis implantation. METHODS: From January 2008 to January 2011, 35 patients with aortic stenosis (33 or aortic valve bioprosthesis

  18. Expansão rápida da maxila ancorada em implantes: uma nova proposta para expansão ortopédica na dentadura permanente Rapid maxillary expansion anchored by implants: a new proposal to orthopedic expansion in the permanent dentition

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Daniela Gamba Garib

    2007-06-01

    Full Text Available OBJETIVO: este trabalho apresenta um método para expansão ortopédica da maxila, na dentadura permanente, utilizando implantes como ancoragem. METODOLOGIA: detalharam-se os procedimentos cirúrgicos e laboratoriais da confecção de um expansor com ancoragem dento-óssea em crânio seco humano. Dois implantes de titânio foram colocados na região anterior do palato, e o parafuso Hyrax adaptado de modo que a expansão ancorou-se nos implantes e nos primeiros molares permanentes. RESULTADOS: o experimento laboratorial em crânio seco mostrou que o procedimento apresenta-se anatômica e operacionalmente viável. Os implantes suportaram a força gerada pela ativação do parafuso expansor, redundando na separação transversal das hemimaxilas. CONCLUSÕES: vislumbra-se que a expansão rápida da maxila ancorada em implantes (ERMAI poderá potencializar a eficiência da expansão ortopédica, assim como reduzir o custo periodontal dos procedimentos convencionais de expansão. Futuros estudos clínicos são necessários para testar essas hipóteses.AIM: This study presents a method for maxillary orthopedic expansion, in the permanent dentition, using implants as anchorage. METHODS: Surgical and laboratorial procedures for the construction of a tooth-bone-borne expansor was detailed in a human dry skull. Two titanium implants were placed in the anterior region of the palate and a Hyrax screw was adapted in a way that the expansion was anchored both on the palatal implants and on permanent first molars. RESULTS: The laboratorial experiment in dry skull showed that the procedure is operationally and anatomically possible. The implants supported the force generated by the expansion screw activation and the maxilla halves were transversally split. CONCLUSIONS: Rapid maxillary expansion anchored on implants can increase the efficiency of orthopedic expansion and decrease the periodontal sequela caused by conventional RME. Further clinical studies are

  19. As implicações do implante coclear para desenvolvimento das habilidades de linguagem: uma revisão da literatura

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Anderson Jonas das Neves

    2015-10-01

    Full Text Available Resumo: A reabilitação auditiva por meio do implante coclear tem constituído um campo de atuação e de pesquisa interdisciplinar, cujos interesses têm incidido na investigação das variáveis e processos relacionados às habilidades de linguagem dessa população. O presente estudo teve como objetivo apresentar uma revisão sistemática das pesquisas que investigaram as relações entre o uso do implante coclear e o desenvolvimento da linguagem. Para isso, foi realizada uma busca nas bases científicas Web of Science(r, Scielo(r e LILACS(r, de 2003 a 2013, de estudos sob escopo da Audiologia (e de áreas correlatas, Educação, Reabilitação e Ciências do Comportamento; aplicando os unitermos "cochlear implant", "auditory recognition", "recognition", "speech", "speech production" e "language". Após um tratamento inicial dos resultados, foram selecionados para análise 86 artigos que foram classificados de acordo com os seguintes critérios: ano de publicação, periódico, área de pesquisa, tipo de estudo, habilidade investigada e a temática. Os resultados indicaram crescente avanço nesses estudos e uma ênfase em avaliar e/ou identificar possíveis fatores que interferem nos processos de linguagem de implantados cocleares, sendo essas pesquisas conduzidas majoritariamente pela Audiologia e áreas correlatas. Os estudos comparativos e explicativos foram os mais frequentes e têm destacado as habilidades auditivas, especificamente os fatores que afetam a percepção auditiva. Enquanto perspectivas futuras, poderão ser vislumbrados maior envolvimento científico de áreas interdisciplinares à Audiologia, ampliação de pesquisas sobre habilidades expressivas (como a produção oral e fomento à estudos que investiguem intervenções (práticas baseadas em evidências em linguagem para esse público.

  20. Rehabilitación sobre implantes oseointegrados A case with rehabilitation on boneintegrated implants

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Leticia María Lemus Cruz

    2009-03-01

    Full Text Available Se presenta un caso de un paciente rehabilitado en la consulta de Implantología de la Facultad de Estomatología de Ciudad de La Habana. La historia de la implantología moderna se remonta a principios de los años 60, cuando Per-Ingvar Branemark sienta las bases de la osteointegración y describe los primeros implantes de titanio con forma de tornillo. Aunque antigua, es la prótesis más moderna. Si la meticulosidad es obligada en la elaboración de todo tipo de prótesis, en los trabajos de implantes no se admite el más mínimo fallo, desde la planificación del caso hasta la implantación de la prótesis en boca. Para obtener buenos resultados, las técnicas y los procesos han de observarse escrupulosamente. En nuestra Facultad se ha creado el Grupo de Implantología, que es el encargado de la colocación de implantes y la rehabilitación prótesica de estos. Para ello han sido utilizado diferentes tipos de implantes comercializados y patentizados al nivel mundial. Se reafirma que la rehabilitación sobre implantes mejora la calidad estética y funcional de los pacientes.A case of rehabilitation patient is presented seen in Implantation Science consulting room of Stomatology Faculty of Havana City. History of implantation science dates back to at the beginning of 60s, when Per-Ingvar Branemark creates the bases of bone-integration and to describe the firsts titanium implants in a screw form. Although ancient, it is the more modern prosthesis. If meticulousness if mandatory in elaboration of all type of prosthesis, in implants works it inadmissible the minimum of failure, from the case planning until prosthesis implantation in mouth. To achieve good results, techniques and processes has to be scrupulously observed. In our Faculty it has been created a group of Implantation Science, which is in charge of implants placement, and of the prosthetic rehabilitation of these. Thus, we used different types of marketed and showed at world level. It

  1. Bloqueio bilateral do nervo pudendo para hemorroidectomia em paciente acondroplásico: relato de caso

    OpenAIRE

    Morais, Bruno Salomé de; Cruvinel, Marcos Guilherme Cunha; Silva, Yerkes Pereira; Diniz, Dener Augusto; Castro, Carlos Henrique Viana de

    2006-01-01

    JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: O nanismo acondroplásico ou acondroplasia é a forma mais comum de nanismo e ocorre na maioria dos casos por alteração genética espontânea. A anestesia desses pacientes apresenta várias particularidades. O objetivo do presente relato foi descrever um caso de paciente acondroplásico, com história prévia de intervenção cirúrgica da coluna para descompressão medular, submetido a hemorroidectomia através de bloqueio bilateral dos nervos pudendos. RELATO DO CASO: Paciente...

  2. Mecanobiología de la interfase hueso-implante dental Mechanobiology of bone-dental implant interphase

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Juan Carlos Vanegas Acosta

    2010-03-01

    Full Text Available La osteointegración es la conexión estructural y funcional entre el hueso y un implante. Cuando un implante se inserta en el hueso, se crea la denominada interfase hueso-implante, una zona de unión entre la superficie del biomaterial del implante y el hueso circundante. La cicatrización de esta interfase depende de las condiciones biológicas del hueso, las características de diseño del implante y la distribución de cargas entre hueso e implante. En este artículo se hace una revisión del proceso de cicatrización de la interfase hueso-implante para el caso de un implante dental. El objetivo es describir la secuencia de eventos biológicos iniciados con la lesión causada por la inserción del implante y que concluyen con la formación de nuevo hueso en la interfase. Esta descripción incluye una novedosa clasificación de los fenómenos mecánicos que intervienen durante el proceso de cicatrización de los tejidos lesionados. Esta descripción mecanobiológica de la interfase hueso-implante dental se utiliza para determinar las características más relevantes a tener en cuenta en la formulación de un modelo matemático de la osteointegración de implantes dentales.The osteointegration is the structural and functional connection between bone and implant. When an implant is inserted in bone, it creates the so-called bone-implant interphase, a joint zone between implant biomaterial surface and the surrounding bone. The healing of this interphase depends on bone biological conditions, characteristic of implant design and the distribution of loads between bone and implant. The aim of present article is to review of healing process of bone-implant interphase for a dental implant and also to describe the sequence of biological events beginning with lesion caused by implant insertion and leading to the formation of a new bone in the interphase. This description includes a novel classification of mechanical phenomena present in the healing

  3. Eletroacupuntura para tratamento de hipotensão induzida por isofluorano em cavalos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    E.C. Franco

    2014-04-01

    Full Text Available Objetivou-se avaliar a eficiência do tratamento da hipotensão arterial com eletroacupuntura comparativamente à dobutamina em equinos. Foram avaliados seis cavalos adultos, saudáveis, mantidos em anestesia inalatória, com isofluorano, em ventilação mecânica. Após a estabilização da anestesia, foi induzida hipotensão arterial, através do incremento da concentração do isofluorano, iniciando-se um dos tratamentos: DOB: dobutamina (1,5µg kg-1 min-1, infusão contínua intravenosa; EA: estímulo elétrico no acuponto pericárdio 6 (PC6, bilateralmente; SHAM: estímulo elétrico em ponto falso de acupuntura. Foram mensurados: frequência cardíaca (FC, pressão arterial média (PAM, temperatura retal (T, concentração final expirada de isofluorano (ETiso, variáveis hemogasométricas, concentração sérica de aspartato aminotransferase (AST e creatina fosfoquinase (CK, tempo e qualidade da recuperação pós-anestésica. Houve incremento na PAM de 50%, 36,6% e 7,5% nos tratamentos DOB, EA e SHAM, respectivamente. Não houve diferença entre os grupos nas variáveis hemogasométricas, FC, T, ETiso, CK, AST, tempo e qualidade de recuperação pós-anestésica. Conclui-se que o tratamento com dobutamina foi mais efetivo para o tratamento da hipotensão em cavalos sob anestesia inalatória quando comparado ao estímulo elétrico do acuponto PC6 ou ponto falso de acupuntura.

  4. Comparação da anestesia geral e bloqueio do plexo cervical superficial em tireoidectomias parciais Comparison between general anesthesia and superficial cervical plexus block in partial thyroidectomies

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rui Celso Martins Mamede

    2008-02-01

    Full Text Available Tireoidectomia sob efeito de bloqueio do plexo cervical superficial (BPCS tem sofrido resistência. OBJETIVO: Comparar variáveis cirúrgicas e anestésicas, custos do tratamento e grau de satisfação de pacientes submetidos à hemitireoidectomia sob efeito de anestesia geral e BPCS. CASUÍSTICA E MÉTODOS: Foram 21 pacientes submetidos à anestesia geral (AG e outro tanto ao BPCS. Após sedação, no grupo com BPCS, usou-se marcaína com vasoconstritor, e quando necessário, lidocaína a 2% com vasoconstritor. Sedação intra-operatória com diazepam endovenoso e metoprolol para controle da PA e FC eram administradas quando necessário. Usou-se anestesia geral (AG segundo padronização do serviço. RESULTADOS: Foram significantes (pThyroidectomy under the effect of superficial cervical plexus block (SCPB has met resistance. AIM: to compare variables in patients submitted to hemithyroidectomy under the effect of general anesthesia (GA and SCPB. CASE REPORT AND METHODS: GA was used in 21 patients, and SCPB was used in another 21 patients. Following sedation, marcaine 0.5% with vasoconstrictor was used in the SCPB group. Intraoperative sedation with diazepam and metoprolol to control arterial pressure and cardiac frequency was given as needed. GA followed the standard method in the unit. RESULTS: We found significant results (p<0.05, Student’s t-test for surgery time (GA - 111.4 min; SCPB - 125.5 min, anesthesia time (GA - 154.1 min; SCPB - 488.6 min, time in the surgery room (GA - 15 min; SCPB - 1 min, treatment costs (GA - R$203.2; SCPB - R$87.4, presence of bradycardia (GA - 0; SCPB - 23.8% and laryngotracheal injury (GA - 51; SCPB - 0 %. We also found the following non-significant results: hospitalization time (GA - 17.3; SCPB - 15.1 hours; bleeding volume (GA - 41,9 g; SCPB - 47.6 g, size of the operative specimen (GA - 52.1 cm3; SCPB - 93.69 cm3 and patient satisfaction level (GA - 3.8; SCPB - 3.9. CONCLUSION: Although the incidence of

  5. Atitudes atuais de anestesiologistas e médicos em especialização com relação à anestesia venosa total Actitudes actuales de anestesiólogos y médicos en especialización con relación a la anestesia venosa total Current attitude of anesthesiologists and anesthesiology residents regarding total intravenous anesthesia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fernando Squeff Nora

    2006-08-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: No passado, tempo, custos, informações, treinamento e avaliação da profundidade da anestesia limitavam a aceitação da anestesia venosa total (TIVA. O objetivo deste estudo foi determinar atitudes de anestesiologistas e médicos em especialização com relação à anestesia venosa total. MÉTODO: Um questionário foi enviado a 150 anestesiologistas e 102 residentes. A concordância (C e discordância (D em cada item foram comparadas por testes z (consenso, se p JUSTIFICATIVA Y OBJETIVOS: Antiguamente, tiempo, costes, informaciones, capacitación y evaluación de la profundidad de la anestesia limitaban la aceptación de la anestesia venosa total (TIVA. El objetivo de este estudio fue el de determinar las actitudes de anestesiólogos y médicos en especialización con relación a la anestesia venosa total. MÉTODO: Un cuestionario fue enviado a 150 anestesiólogos y 102 residentes. La concordancia (C y discordancia (D en cada ítem se compararon por pruebas z (consenso, si p BACKGROUND AND OBJECTIVES: In the past, time, cost, information, training, and the evaluation of the plane of anesthesia limited the acceptance of total intravenous anesthesia (TIVA. The objective of this study was to determine the attitude of anesthesiologists and other anesthesiology residents regarding total intravenous anesthesia. METHODS: A questionnaire was sent to 150 anesthesiologists and 102 residents. The concordance (C and disaccord (D of each item were compared by z tests (consensus if p < 0.05. RESULTS: There were 98 responses. The data represent the number of answers for each category. The majority of the participants agreed that the quality of the awakening stimulates the use of the TIVA (C/D = 86/8; p < 0.05; that the future depends on the development of drugs with a fast onset of action and immediate recovery (C/D = 88/5; p < 0.05; that they would like to use TIVA more often (C/D = 72/21; p < 0.05; and to have more information

  6. Hematoma subdural intracraniano pós-anestesia subaracnóidea: relato de dois casos e revisão de 33 casos da literatura

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Jane Auxiliadora Amorim

    2010-12-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: Hematoma subdural intracraniano é uma complicação rara pós-anestesia subaracnóidea. Relatamos dois casos de mulheres que desenvolveram hematoma subdural crônico pós-anestesia subaracnóidea, diagnosticados após a evolução clínica prolongada de cefaleia pós-punção dural (CPPD e analisamos outros 33 casos encontrados em revisão da literatura. RELATO DOS CASOS: Nos 35 pacientes (idade entre 20-88 anos, 19 homens, 14 tinham mais de 60 anos (40% sendo 12 (86% homens. A relação se inverte no grupo de pacientes mais jovens (< 60 anos, no qual há duas vezes mais mulheres (14:7. Dois picos de maior incidência foram observados: 30-39 anos (31% e 60-69 anos (29%. O período de tempo decorrido entre o início dos sintomas até o diagnóstico variou entre 4 horas e 29 semanas. Cefaleia foi referida por 26/35 (74,3% casos; alteração do nível de consciência em 14/35 (40,0%; vômitos em 11/35 (31,4%; hemiplegia ou hemiparesia em 8/35 (22,9%; diplopia ou paresia do VI nervo craniano em 5/35 (14,3%; e distúrbio da linguagem em 4/35 (11,4%. Os fatores contribuintes foram: gravidez, múltiplas punções, uso de anticoagulantes, anormalidades vasculares intracranianas e atrofia cerebral. Em 15 casos, não foi citado qualquer fator contribuinte. Quatro em 35 pacientes (11,4% ficaram com sequelas neurológicas e 4/35 (11,4% morreram. CONCLUSÕES: A presença de qualquer um desses sinais ou sintomas mencionados serve de alerta para a possibilidade de ocorrer hematoma subdural intracraniano como complicação da punção dural, principalmente naqueles pacientes que apresentaram CPPD por mais de uma semana, quando uma investigação por neuroimagem se faz necessária.

  7. Nueva indicación de implantes cigomáticos para la rehabilitación fija de desdentados parciales: reporte de un caso A new indication for Zygomatic implants for the fixed rehabilitation of the partially edentulous patient: Case report

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    M.F. Pintor Willcock

    2007-08-01

    Full Text Available Los implantes cigomáticos están indicados en casos de reabsorciones maxilares severas. Esto permitiría eliminar la necesidad de injertos óseos o levantamientos de seno de manera de recuperar el volumen óseo necesario para rehabilitar en base a implantes convencionales, disminuyendo así la morbilidad y el tiempo de tratamiento. A continuación presentamos caso de paciente desdentado parcial superior, clase I de Kennedy, en el cual se utilizaron dos implantes cigomáticos a cada lado, emergiendo sobre el reborde, a través de una modificación de la técnica.Zygomatic Implants are used in the rehabilitation of severely resorbed maxillas. This eliminates the necessity of bone grafting or sinus augmentation to restore the osseous volume necessary for conventional implant rehabilitation. This also minimizes morbidity and treatment times. We present the case of a patient with a partially edentulous upper ridge, Kennedy class I, in whom two zygomatic implants were placed in each side, that emerged over the alveolar ridge crest as a result of a technique modification.

  8. Efeitos cardiovasculares da anestesia local com vasoconstritor durante exodontia em coronariopatas Cardiovascular effects of local anesthesia with vasoconstrictor during dental extraction in coronary patients

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Valeria C. L. S. Conrado

    2007-05-01

    Full Text Available OBJETIVO: Avaliar a ocorrência de variáveis detectoras de isquemia miocárdica, durante ou após o tratamento odontológico, sob anestesia com vasoconstritor (adrenalina. MÉTODOS: Foram incluídos 54 pacientes coronariopatas submetidos a exodontia sob anestesia local com ou sem vasoconstritor, divididos em dois grupos (sorteio por envelope: grupo I, composto por 27 que receberam anestésico com vasoconstritor; e grupo II, composto por 27 que receberam anestésico sem vasoconstritor. Todos os pacientes foram submetidos a monitoração eletrocardiográfica com Holter por 24 horas, a Doppler-ecocardiografia realizada antes e após intervenção odontológica, e a dosagem dos marcadores bioquímicos antes e 24 horas após a exodontia (creatina cinase fração MB [CK-MB] massa, CK-MB atividade e troponina T. A freqüência cardíaca e a pressão arterial nas fases pré-anestesia, pós-anestesia e pós-exodontia também foram aferidas. A Doppler-ecocardiografia teve como objetivo avaliar a contratilidade segmentar do ventrículo esquerdo e a eventual ocorrência de insuficiência mitral. Em todos os casos foi mantido o protocolo farmacológico habitual prescrito pelo cardiologista. RESULTADOS: Três pacientes do grupo I apresentaram depressão do segmento ST (1,0 mm durante a aplicação da anestesia, dois outros pacientes do mesmo grupo tiveram elevação da CK-MB massa, e em nenhum caso foi verificada presença de isquemia avaliada pelos demais métodos. Não houve registro, neste estudo, de precordialgia, arritmias e ocorrência ou agravamento de hipocontratilidade segmentar do ventrículo esquerdo ou insuficiência mitral. CONCLUSÃO: A exodontia praticada sob uso de anestesia com adrenalina 1:100.000 não implica riscos isquêmicos adicionais quando realizada com boa técnica anestésica e manutenção do tratamento farmacológico prescrito pelo cardiologista.OBJECTIVE: To evaluate the occurrence of variables detecting myocardial ischemia

  9. Implante de stent dentro de stent recém-implantado em ponte de veia safena para otimização do resultado angiográfico Stenting a stent in saphenous vein graft to optimize the angiographic result

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Antonio Esteves Fº

    1998-03-01

    Full Text Available Mulher de 60 anos, com angina progressiva e revascularização do miocárdio, há oito anos, com ponte de veia safena para coronária direita e anastomose de artéria mamaria esquerda para artéria descendente anterior. Submetida a implante de stent Gianturco-Roubin II em terço proximal da ponte de veia safena para artéria coronária direita, com resultado insatisfatório pela persistência de lesão residual, provavelmente, decorrente de prolapso para dentro da luz de material aterosclerótico através dos coils. Foi implantado outro stent (Palmaz-Schatz biliar dentro do stent GRII com sucesso e ótimo resultado angiográfico. Um 2º stent Palmaz-Schatz biliar foi implantado em lesão distal no corpo da ponte, ultrapassando os dois stents, anteriormente implantados, com sucesso. Em algumas situações, implante de stent dentro de outro stent é recurso útil para otimização de resultado angiográfico do implante de um stent.A 60 year-old woman with progressive angina who had been submitted to saphenous bypass-graft to right coronary artery and a left mammary artery graft to anterior descending artery eight years previously, underwent implantation of a Gianturco Roubin II stent in the proximal third of the saphenous vein graft. The result was suboptimal by persistence of a residual stenosis probably due to prolapse of atherosclerotic material through the coil spaces. Another stent (Palmaz-Schatz biliar stent was implanted at the previously stented site with no residual stenosis. Another Palmaz-Schatz biliar stent was successfully implanted in the distal body of the graft to treat another lesion (passing through the previously stents without difficulty. Stenting a stent, in selected situations, is a useful tool to optimize the angiographic result of stent implantation.

  10. SINERGISMO FARMACODINÁMICO. A PROPÓSITO DE UN CASO INTERVENIDO QUIRÚRGICAMENTE DE URGENCIA BAJO ANESTESIA GENERAL.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Yesid Pallares Villarreal

    2004-01-01

    Full Text Available Presentamos una paciente femenina geriatrica con antecedentes de hipertensiòn arterial y trastornos psiquiatricos intervenida quirurgicamente de urgencia por un cuadro doloroso abdominal, con una interaccion farmacodinamica por sinergismo del doxepin y captopril potenciada por los efectos de la anestesia general. La hipotensiòn arterial fue la forma clínica de presentación. La paciente se recibió hipotensa por la administración preoperatoria de doxepin tratamiento de base y de captopril tratamiento impuesto por crisis hipertensiva antes de su llegada al hospital. Después de la inducción de la anestesia general desarrolla hipotensión arterial que sólo responde a la administración de noradrenalina. En un inicio se interpreta como un shock séptico en fase hipodinámica por el cuadro doloroso abdominal y la vasoplejia pero descartadas otras causas se concluye como hipotensión arterial de origen farmacológico con relación a la ingestión de antidepresivos triciclicos e inhibidores de la enzima convertora de angiotensina I en angiotensina II por su acción sobre el sistema nervioso simpático por potenciada por los agentes anestésicos. La paciente fue dada de alta del hospital satisfactoriamente a los 7 dias de operada.

  11. Toracoscopia diagnóstica com anestesia local: metodologia e aplicações

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luís Rocha

    1998-01-01

    Full Text Available RESUMO: A toracoscopia assume cada vez mais um papel importante no diagnóstico e terapêutica de muitos doentes com derrames pleurais recidivantes. É um método simples e bern tolerado, com elevado valor diagnóstico, permitindo uma intervenção mais precoce. Além do diagnóstico permite controlar derrames pleurais recidivantes e malignos, o que poderá complementarmente ter importância de ordem clínica no tratamento e melboria da qualidade de vida do doente. Apesar do número de complicações reduzido e da sua pequena importância, pensamos que se trata de uma técnica a indicar em base individual, tendo em conta o risco/beneficio. Os autores abordam a técnica e metodologia utilizada na toracoscopia, suas contra-indicações, complicações e indicações, fazendo uma revisão teórica dos resultados descritos na literatura e realçando a modalidade anestésica que utilizam: a anestesia local com ajuda de pré-medicação. SUMMARY: Diagnostic thoracoscopy and sometimes therapeutic, assumes an important role in the etiology and symptoms relief of many patients with recurrent pleural effusions. It's a simple and well tolerable method, with high diagnostic yield, that contributes to an earlier intervention. It can control malignant and recurrent pleural effusions, which will have an important role in the treatment and quality of the patient's life. In spite of the number of complications being small and of lack of importance, we think that the use of thoracoscopy is to be decided in an Individual basis, weighting risks and benefits. The authors summarise the technique and methodology, their contraindications, complications and indications, reviewing some published results, emphasising the anaesthesia method and some information supporting local anaesthesia with pré-medication. Key-Words: Thoracoscopy, Local anaesthesia, Pleural effusion, Pleurodesis, Talc poudrage, Palavras-chave: Toracoscopia, Anestesia local, Derrame pleural, Pleurodese

  12. Agitação no despertar da anestesia em crianças: aspectos atuais Emergence agitation in pediatric anesthesia: current features

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Leopoldo Muniz da Silva

    2008-04-01

    Full Text Available OBJETIVO: A agitação pós-operatória é um fenômeno clínico bem documentado em crianças, com incidência variando de 10 a 67%. Não existe explicação definitiva para a agitação no despertar. Várias causas têm sido discutidas na literatura, como rápido retorno à consciência em ambiente não familiar, presença de dor (ferida, dor de garganta, distensão vesical, etc., estresse na indução, hipoxemia, obstrução da via aérea, ambiente barulhento, duração da anestesia, temperamento da criança, uso de medicação pré-anestésica e técnica anestésica empregada. O objetivo deste estudo é discutir as possíveis causas da agitação pós-operatória em crianças, subsidiando ações referentes à identificação e prevenção mais adequada. FONTES DOS DADOS: Artigos originais e revisões, publicados no período de 1991 a 2007 e indexados no MEDLINE e PubMed, utilizando as seguintes palavras-chave: agitação no despertar, incidência, etiologia, diagnóstico, tratamento, criança, anestesia pediátrica. SÍNTESE DOS DADOS: É apresentada neste artigo uma revisão de possíveis desencadeadores de agitação, assim como uma proposta de escala para uniformização adequada do diagnóstico e medidas que implementam a prevenção e o tratamento. CONCLUSÕES: Nenhum fator pode, de maneira isolada, ser implicado como causador de agitação pós-operatória, devendo ser considerada como uma síndrome com componentes biológicos, farmacológicos, psicológicos e sociais, os quais o anestesiologista e o pediatra intensivista devem estar preparados para identificar, prevenir e intervir adequadamente quando necessário.OBJECTIVE: Postoperative agitation in children is a well-documented clinical phenomenon with incidence ranging from 10% to 67%. There is no definitive explanation for this agitation. Possible causes include rapid awakening in unfamiliar settings, pain (wounds, sore throat, bladder distension, etc., stress during induction

  13. Reposição cirúrgico-ortopédica de implante mal posicionado: relato de caso Surgical-orthopedic repositioning of malpositioned implant: a case report

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luiz Carlos Ferreira da Silva

    2005-06-01

    Full Text Available A reabilitação bucal por meio da colocação de implantes dentários tem se tornado um procedimento freqüente da clínica odontológica. Falhas no planejamento ou na execução da técnica podem levar a casos onde, apesar de osseointegrado, o implante não apresenta condições de restauração satisfatória devido ao seu mal posicionamento. Diversos autores têm relatado a possibilidade de se utilizar osteotomias segmentares de maxila ou mandíbula para reposicionar um segmento alveolar com implante, mostrando que esta pode ser uma técnica efetiva e previsível para restaurar implantes em posição anatômica comprometida. O presente trabalho apresenta o caso clínico de uma paciente de 20 anos de idade onde foi realizada osteotomia segmentar de maxila associada à distração osteogênica para correção de um implante mal posicionado.Oral rehabilitation through dental implants has become a common procedure at dental practice. However, if the implant is placed in an inappropriate position either because of inadequate presurgical planning or poor surgical technique, it may be unrestorable in spite of osseointegrated. Many authors have reported the possibility of using segmental maxillary or mandibular osteotomies to reposition an alveolar segment with its implants. This can be an effective, predictable technique for restoring implants in a compromised anatomic position. This paper presents a case report describing the use of this procedure associated to distraction osteogeneis to reposition one malpositioned implant in a 20 years old girl.

  14. Evaluación de una nueva pauta de profilaxis antimicrobiana para prevenir bacteriemas secundarias a la práctica de exodoncias

    OpenAIRE

    Álvarez Álvarez, Francisco Javier

    2014-01-01

    La prevalencia de bacteriemias post-exodoncia es particularmente elevada cuando este procedimiento se efectúa bajo anestesia general. Se confirma que la administración profiláctica de amoxicilina reduce significativamente la prevalencia y la duración de las bacteriemias post-exodoncia. La quimioprofilaxis con amoxicilina-ácido clavulánico demostró una efectividad del 100 % para prevenir las bacteriemias post-exodoncia, superando de forma significativa la del régimen profiláctico clásico con a...

  15. Caracterização de revestimentos de nitreto de titânio para implantes dentários e aditamentos protéticos

    OpenAIRE

    Neves, Patrícia Domingues Prior

    2017-01-01

    Dissertação para obtenção do grau de Mestre no Instituto Superior de Ciências da Saúde Egas Moniz Introdução: O titânio é conhecido pelas excelentes características como biocompatibilidade, resistência à corrosão, baixa citotoxicidade e por potenciar a osteointegração, sendo o biomaterial de eleição para implantes dentários. Apesar das distintas características têm sido mencionadas algumas limitações. Neste contexto, o nitreto de titânio afigura-se um substituto promissor, respondendo com ...

  16. Associação entre midazolam e detomidina na medicação pré-anestésica para indução da anestesia geral com cetamina em potros A combination study of midazolam and detomidine in the premedication anesthesia for the induction of general anesthesia with ketamine in foals

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    J.A. Marques

    2009-12-01

    Full Text Available Empregou-se a associação midazolam e detomidina para indução de anestesia com cetamina em 16 potros, machos e fêmeas, entre três e seis meses de idade, distribuídos aleatória e equitativamente em dois grupos (GI e GII. A todos os animais foram administrados midazolam, via intramuscular, na dose de 0,2mg/kg, e após 15 minutos, detomidina, via intravenosa, na dose de 0,02mg/kg. Os animais do GII receberam cetamina pela via intravenosa, dose 2,0mg/kg, três minutos após a administração de detomidina. Quinze minutos após o midazolam, ocorreram sedação e ligeira ataxia, e dois minutos após a administração da detomidina, decúbito lateral em todos os potros, com miorrelaxamento e presença dos reflexos de deglutição e miorrelaxamento, anal e oculo-palpebral. A associação midazolam/detomidina e cetamina provocou ausência dos reflexos de deglutição. Para todos os animais, o tempo de recuperação foi de 45-60 minutos, e temperatura retal e frequência respiratória permaneceram estáveis. Ocorreram bradicardia, bloqueio atrioventricular de segundo grau e aumento das pressões arteriais sistólica, diastólica e média após dois minutos da administração da detomidina. A associação midazolam/detomidina e cetamina demonstrou ser um método eficiente e seguro para a anestesia de potros hígidos.A combination of midazolam, 0.2mg/kg body weight given via intramuscular, and detomidine, 0.02mg/kg body weight given via intravenous (IV, was evaluated as a method for induction of anesthesia with ketamine, 2.0mg/kg body weight given via IV in foals. Sixteen male and female foals aging from three to six-month old were distributed into two groups. Both groups were first injected with midazolam and with detomidine 15 minutes later. Three minutes later, ketamine was injected in the foals. Sedation and light ataxia were observed 15 minutes after midazolam administration. Bradycardia, atrioventricular block, increased blood pressure, lateral

  17. Anestesia congênita de córnea associada à anestesia de ramo do trigêmio: relato de caso Congenital corneal anesthesia related to trigeminal anesthesia: case report

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Miguel José Calix Netto

    2005-12-01

    Full Text Available A anestesia corneana por ser uma condição rara, freqüentemente é confundida ou não diagnosticada durante o exame de rotina do segmento anterior. Relato de caso de um paciente de 18 anos encaminhado ao ambulatório de córnea e doenças externas com quadro clinico de síndrome de olho seco e com diagnóstico provável de síndrome de Sjögren. Era amblíope de olho direito devido à opacidade corneana no eixo visual secundária a trauma com unha na infância. Foi pesquisada sensibilidade corneana que era ausente em ambos os olhos; olho seco grave e com BUT (tempo de quebra do filme lacrimal menor que 4 segundos. Foi feito diagnóstico de anestesia corneana congênita associada a hipoestesia do nervo trigêmio pela avaliação neurológica da sensibilidade facial e movimentos bruscos do queixo que evidenciavam alterações sensoriais do nervo. O oftalmologista geral e principalmente o especialista em segmento anterior devem ter como rotina a pesquisa da sensibilidade corneana no exame do segmento anterior.Corneal anesthesia is a rare condition, therefore its diagnosis is frequently impaired or it is not noticed during the anterior segment examination. Case report of a 18-year-old patient referred to our Corneal and External Disease Department who complained of dry eye symptoms and with a suspicion of Sjögren's syndrome. She had amblyopia of the right eye, consequence of corneal leucoma over the visual axis secondary to a fingernail traumatism inflicted by herself in childhood. On the ophthalmologic examination corneal sensitivity was absent in both eyes. Severe dry eye and breakup time less than four seconds. Diagnosis of congenital corneal anesthesia was established, secondary to trigeminal anesthesia found on neurological evaluation of facial sensitivity. She also showed sudden movements of the chin which evidenced sensorial pathology of the trigeminal nerve. The general ophthalmologist and specially anterior segment specialists must

  18. Anestesia para ressecção transuretral de próstata: comparação entre dois períodos em hospital universitário Anestesia para resección transuretral de próstata: comparación entre dos períodos en un hospital universitario Anesthesia for transurethral resection of the prostate: comparison between two periods in a university hospital

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Liana Maria Torres de Araújo

    2005-04-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: A anestesia para Ressecção Transuretral de Próstata (RTU é objeto, há anos, de diversos estudos devido às singularidades do procedimento cirúrgico. Este estudo teve a finalidade de comparar as técnicas anestésicas utilizadas e as possíveis intercorrências peri-operatórias em dois períodos de tempo distintos, com intervalo de 10 anos, visando detectar evolução da técnica anestésica e redução da morbimortalidade neste tipo de procedimento. MÉTODO: De modo retrospectivo, foram avaliados os prontuários de todos os pacientes submetidos à RTU de próstata no HC-FMRP-USP em dois períodos distintos, de quatro anos: GI - ressecções transuretrais de próstata (RTU realizadas entre os anos de 1989 a 1992; GII - ressecções transuretrais de próstata (RTU realizadas entre os anos de 1999 a 2002. Foram excluídos os pacientes portadores de neoplasias malignas de próstata ou bexiga. Foram analisados os prontuários de 300 pacientes, sendo 120 no GI e 180 no GII. RESULTADOS: Observou-se que a anestesia regional predominou em ambos os grupos, sendo a raquianestesia a mais freqüentemente utilizada. A duração média do procedimento foi maior no grupo II e a incidência de eventos adversos no período intra-operatório, como hipotensão, disritmias cardíacas e hipotermia, não divergiu significativamente entre os grupos. Entretanto, observou-se maior número de pacientes do grupo I com diagnóstico de infarto agudo do miocárdio nas primeiras 24 horas do período pós-operatório, provavelmente atribuídos à escassez de exames complementares e de avaliação cardiológica prévia nos pacientes submetidos à cirurgia naquele período. O tempo de permanência dos pacientes na sala de recuperação pós-anestésica foi semelhante nos dois grupos, mas a incidência de complicações foi maior no grupo I. O número de transfusões sangüíneas e a mortalidade peri-operatória não diferiram nos dois grupos

  19. Anestesia para o recém-nascido submetido a cirurgia cardíaca com circulação extracorpórea Anestesia para el recién nacido sometido a cirugía cardiaca con circulación extracorpórea Anesthesia for the newborn submitted to cardiac surgery with cardiopulmonary bypass

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Sérgio Bernardo Tenório

    2005-02-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: As doenças congênitas do coração atingem 0,8% dos recém-nascidos (RN vivos, sendo que muitos necessitam de correção cirúrgica ainda no período neonatal. A cirurgia cardíaca com circulação extracorpórea (CEC, nesta faixa etária, associa-se a maior incidência de complicações, devido à imaturidade funcional da criança, à falta de equipamentos de CEC que sejam totalmente compatíveis com as dimensões do RN e às dificuldades técnicas para correção da lesão cardíaca. Este artigo tem o propósito de apresentar os aspectos relacionados à técnica anestésica, a CEC e seus efeitos em RN. CONTEÚDO: Elevadas doses de fentanil ou sufentanil provêm adequada anestesia sem interferir na estabilidade cardiocirculatória. A depressão respiratória residual dos opióides não é problema neste grupo de pacientes porque a maioria necessita assistência respiratória no pós-operatório imediato. A entrada em CEC pode ser acompanhada de hipotensão arterial por manipulação do coração e/ou sangramento. O posicionamento inadequado das cânulas venosas e aórtica pode causar sérias complicações, como insuficiente fluxo encefálico ou dificuldade na drenagem venosa. São comuns a utilização de hipotermia profunda e a parada circulatória total durante a CEC. A hipotermia modifica a viscosidade do sangue que é tratada com hemodiluição e traz implicações para a correção do pH (alfa-stat versus pH stat. No desmame da CEC é freqüente ocorrer baixo débito cardíaco e ajustes em um ou em todos os seus componentes ( pré-carga, contratilidade, pós-carga e freqüência cardíaca podem ser necessários. Além das drogas clássicas, como a adrenalina e a dopamina, pode ser necessário o emprego de outras substâncias como a aprotinina, o óxido nítrico ou os inibidores da fosfodiesterase. CONCLUSÕES: O anestesiologista tem papel preponderante no ajuste da homeostasia durante o período peri

  20. Mecanobiología de la interfase hueso-implante dental

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Juan Carlos Vanegas Acosta

    2010-03-01

    Full Text Available La osteointegración es la conexión estructural y funcional entre el hueso y un implante. Cuando un implante se inserta en el hueso, se crea la denominada interfase hueso-implante, una zona de unión entre la superficie del biomaterial del implante y el hueso circundante. La cicatrización de esta interfase depende de las condiciones biológicas del hueso, las características de diseño del implante y la distribución de cargas entre hueso e implante. En este artículo se hace una revisión del proceso de cicatrización de la interfase hueso-implante para el caso de un implante dental. El objetivo es describir la secuencia de eventos biológicos iniciados con la lesión causada por la inserción del implante y que concluyen con la formación de nuevo hueso en la interfase. Esta descripción incluye una novedosa clasificación de los fenómenos mecánicos que intervienen durante el proceso de cicatrización de los tejidos lesionados. Esta descripción mecanobiológica de la interfase hueso-implante dental se utiliza para determinar las características más relevantes a tener en cuenta en la formulación de un modelo matemático de la osteointegración de implantes dentales.

  1. Anestesia epidural com ropivacaína, lidocaína ou associação de lidocaína e xilazina em cães: efeitos cardiorrespiratório e analgésico Epidural anaesthesia using ropivacaine, lidocaine or the combination of lidocaine and xylazine in dogs: cardiorespiratory and analgesic effects

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Simone Salata Gasparini

    2007-04-01

    Full Text Available Este estudo investigou o efeito da ropivacaína, da lidocaína e da associação de lidocaína e xilazina na anestesia epidural de cães. Trinta cães foram tranqüilizados com acepromazina intravenosa, distribuídos em três grupos e submetidos à anestesia epidural no espaço lombo-sacro, com lidocaína 2% com vasoconstrictor (GL, ropivacaína 1% (GR ou com xilazina associada à lidocaína (GXL. Mensuraram-se as freqüências cardíaca (FC e respiratória (f, a pressão arterial sistólica (PAS, a concentração final expirada de CO2 (EtCO2, o volume minuto (VM e a temperatura retal (T. Para avaliação da analgesia somática, utilizou-se o teste do panículo e o teste térmico a 55°C. Os protocolos produziram anestesia da região retro-umbilical, sendo que a associação XL produziu bloqueio anestésico mais cranial, porém causou bradicardia moderada. A duração da anestesia foi mais prolongada nos animais dos grupos GXL (240 min e GR (250 min, quando comparada as do grupo GL (120 min.This study was aimed at investigating the effects of ropivacaine, lidocaine or lidocaine combined with xylazine for epidural anaesthesia in dogs. Thirty dogs were sedated with acepromazine IV, divided in to three groups and submitted to lumbosacral epidural anaesthesia using 2% lidocaine with adrenaline (L or 1% ropivacaine (R or xylazine combined with lidocaine (XL. Heart and respiratory rates, systolic arterial blood pressure, EtCO2, minute volume and temperature were measured. Cutaneous anaesthesia was investigated using a forceps and thermic stimulus. All protocols produced retroumbilical anaesthesia. The combination of XL produced a more cranial anaesthetic block, with moderate bradycardia. The duration of the anaesthesia was more prolonged in animals treated with XL (240min and R (250min, when compared to L alone (120min.

  2. Implante coclear via fossa craniana média: uma nova técnica para acesso ao giro basal da cóclea Cochlear implantation through the middle cranial fossa: a novel approach to access the basal turn of the cochlea

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Aline Gomes Bittencourt

    2013-04-01

    Full Text Available A técnica clássica para o implante coclear é realizada através de mastoidectomia e timpanotomia posterior. A abordagem pela fossa craniana média provou ser uma alternativa valiosa, embora venha sendo usada para o implante coclear apenas esporadicamente e sem normatização. OBJETIVO: Descrever uma nova abordagem para expor o giro basal da cóclea para o implante coclear através da fossa craniana média. MÉTODO: Cinquenta ossos temporais foram dissecados. A cocleostomia foi realizada através de uma abordagem via fossa craniana média, na parte mais superficial do giro basal da cóclea, usando o plano meatal e seio petroso superior como pontos de reparo. A parede lateral do meato acústico interno foi dissecada após o broqueamento e esqueletização do ápice petroso. A parede dissecada do meato acústico interno foi acompanhada longitudinalmente até a cocleostomia. Design: Estudo anatômico de osso temporal. RESULTADOS: Em todos os ossos temporais, apenas a parte superficial do giro basal da cóclea foi aberta. A exposição do giro basal da cóclea permitiu que as escalas timpânica e vestibular fossem visualizadas. Assim, não houve dificuldade na inserção do feixe de eletrodos através da escala timpânica. CONCLUSÃO: A técnica proposta é simples e permite exposição suficiente do giro basal da cóclea.The classic approach for cochlear implant surgery includes mastoidectomy and posterior tympanotomy. The middle cranial fossa approach is a proven alternative, but it has been used only sporadically and inconsistently in cochlear implantation. OBJECTIVE: To describe a new approach to expose the basal turn of the cochlea in cochlear implant surgery through the middle cranial fossa. METHOD: Fifty temporal bones were dissected in this anatomic study of the temporal bone. Cochleostomies were performed through the middle cranial fossa approach in the most superficial portion of the basal turn of the cochlea, using the meatal plane and

  3. Variáveis hematológicas em tambaquis anestesiados com óleo de cravo e benzocaína

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Santiago Benites de Pádua

    2013-08-01

    Full Text Available O objetivo deste trabalho foi avaliar o efeito anestésico de óleo de cravo e benzocaína sobre os parâmetros hematológicas e a fragilidade osmótica dos eritrócitos em tambaqui (Colossoma macropomum. Trinta peixes adultos foram avaliados em três tratamentos: controle, sem anestesia; anestesia com óleo de cravo a 50 mg L-1; e anestesia com benzocaína a 100 mg L-1. O sangue dos peixes foi coletado para a determinação do hemograma, e o teste de fragilidade osmótica dos eritrócitos foi aplicado. As doses utilizadas de óleo de cravo e benzocaína não são adequadas para estudos hematológicos, para estabelecer valores de referência em tambaquis, pois causam alterações expressivas dos parâmetros hematológicos, tais como leucocitose e hemólise iatrogênica.

  4. Bloqueio bilateral do nervo pudendo para hemorroidectomia em paciente acondroplásico: relato de caso Bloqueo bilateral del nervio pudendo para hemorroidectomía en paciente acondroplásico: relato de caso Bilateral blockade of the pudend nerve to hemorrhoidectomy in achondroplasic patient: case report

    OpenAIRE

    Bruno Salomé de Morais; Marcos Guilherme Cunha Cruvinel; Yerkes Pereira Silva; Dener Augusto Diniz; Carlos Henrique Viana de Castro

    2006-01-01

    JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: O nanismo acondroplásico ou acondroplasia é a forma mais comum de nanismo e ocorre na maioria dos casos por alteração genética espontânea. A anestesia desses pacientes apresenta várias particularidades. O objetivo do presente relato foi descrever um caso de paciente acondroplásico, com história prévia de intervenção cirúrgica da coluna para descompressão medular, submetido a hemorroidectomia através de bloqueio bilateral dos nervos pudendos. RELATO DO CASO: Paciente...

  5. Anestesia venosa total (AVT) em lactente com doença de Werdnig-Hoffmann: relato de caso

    OpenAIRE

    Resende, Marco Antonio Cardoso de; Silva, Elizabeth Vaz da; Nascimento, Osvaldo José Moreira; Gemal, Alberto Esteves; Quintanilha, Giseli; Vasconcelos, Eliana Maria

    2010-01-01

    JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: A doença de Werdnig-Hoffmann é a causa mais comum de hipotonia no lactente e quando presente logo após o nascimento tem pior prognóstico. Fraqueza muscular simétrica, arreflexia e fasciculações da língua são característicos. A maioria dos lactentes morre antes dos dois anos por insuficiência respiratória. O presente relato apresenta um caso com técnica venosa total durante anestesia. RELATO DO CASO: Paciente feminina, branca, um ano, 10 kg, estado físico ASA III, co...

  6. Resultados del tratamiento con implantes dentales osteointegrados en la fase quirúrgica

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Oviedo Pérez Pérez

    Full Text Available Objetivo: evaluar los resultados del tratamiento con implantes dentales osteointegrados en la fase quirúrgica. Métodos: se realizó un estudio longitudinal y prospectivo en 802 pacientes en quienes se colocaron 2 165 implantes, en la Clínica Estomatológica Provincial Docente de Santiago de Cuba y la Facultad de Estomatología de La Habana en el decenio 20002009. Se evaluaron las variables: técnica quirúrgica, longitud y diámetro de los implantes, complicaciones intraoperatorias y complicaciones postoperatorias, los resultados del tratamiento se evaluaron en supervivencia y fracaso. Resultados: se logró la supervivencia de los implantes en 705 pacientes para el 87,9 % y se produjo el fracaso en 97 pacientes para el 12,1 %. Se colocaron 2 165 implantes, se logró efectividad de 2 055 para el 94,9 % y fracasaron 110 que representan el 5,08 %. No existen diferencias significativas de los resultados de acuerdo a la técnica quirúrgica empleada. Los implantes que más fracasaron fueron los de 10 mm, para el 34,9 % y 8 mm con el 13,1 %. La efectividad se incrementa a medida que aumenta el diámetro. En las complicaciones intraoperatorias el fracaso fue mayor en relación con la perforación de la tabla ósea con el 92,9 %, inestabilidad con el 86 % y la dehiscencia ósea con el 57,4 %. En el postoperatorio fue notable que en el 100 % de los casos con dolor existió fracaso de los implantes. Conclusiones: en la etapa quirúrgica existe una fuerte asociación de los resultados con la longitud, diámetro de los implantes y la presencia de complicaciones intraoperatorias y postoperatorias.

  7. Técnica de implante subpeitoral para tratamento de infecção de loja de marcapasso: estudo inicial Subpectoral pacemaker implantation technique for treatment of generator pocket infection: initial study

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Acrisio Sales VALENTE

    2001-03-01

    Full Text Available Introdução/Objetivo: O implante de marcapasso cardíaco definitivo é um procedimento caracterizado por um baixo índice de complicações. No entanto, a infecção, principalmente a de loja de fonte geradora, caracteriza-se como uma das complicações mais comuns, com incidências variando entre 1-5% na maioria dos centros. Diversas abordagens terapêuticas para o tratamento desta afecção vêm sendo descritas com resultados controversos. Observa-se, entretanto, uma tendência a melhores resultados, com menores índices de falência de tratamento ou reinfecção, nas abordagens mais agressivas, estas sempre relacionadas à alta morbidade e a altos custos finais. Com base nos princípios já bem descritos do poder bactericida dos flaps musculocutâneos associados à antibioticoterapia na esterilização de áreas pouco vascularizadas infectadas, foi desenvolvida e avaliada neste estudo inicial a técnica de implante subpeitoral para o tratamento dos casos de infecção restrita de loja de fonte geradora, objetivando-se menores morbidades e custos com, bons resultados. Casuística e Método: Foi considerado no presente estudo o período de janeiro de 1996 a março de 2000 onde foram realizados 574 procedimentos, entre implantes e trocas de fontes geradoras, na Santa Casa de São Paulo, com um índice de infecção de 1,11% (6 casos e 2 casos de extrusão de fonte geradora sem infecção aparente. Quatro casos tratavam-se de infecção exclusiva de loja de fonte e em 2 casos houve comprometimento sistêmico com sepse. Os germes infectantes foram S.aureus, S.epidermidis e Pseudomonas. Foi utilizada como abordagem terapêutica para todos os casos sem comprometimento sistêmico a técnica de implante subpeitoral da mesma fonte geradora associada à antibioticoterapia específica. Resultados: Não houve óbitos, casos de reinfecção ou falência de tratamento nos pacientes submetidos à técnica. O tempo médio de internação foi 7,3 dias. O

  8. Sufentanil intratecal para revascularização do miocárdio

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Caetano Nigro Neto

    2014-04-01

    Full Text Available Contexto: pacientes de cirurgia cardíaca submetidos a revascularização do miocárdio com circulação extracorpórea. Objetivo: avaliar o efeito hemodinâmico da adição de sufentanil intratecal para anestesia geral. Desenho: estudo prospectivo, randômico e aberto, após aprovação do Comitê de Ética em Pesquisa. Cenário: estudo monocêntrico feito no Instituto Dante Pazzanese de Cardiologia, São Paulo, Brasil. Pacientes: foram submetidos à revascularização eletiva 40 pacientes de ambos os sexos que assinaram o termo de consentimento informado. Critérios de exclusão: doença renal crônica, procedimentos de emergência, reoperações, contraindicação para raquianestesia, fração de ejeção do ventrículo esquerdo inferior a 40%, índice de massa corporal acima de 32 kg/m2 e uso de nitroglicerina. Intervenções: os pacientes foram randomizados para receber (ou não 1μg/kg de sufentanil intratecal. Anestesia foi induzida e mantida com infusão contínua de sevoflurano e remifentanil. Principais medidas de desfecho: variáveis hemodinâmicas, níveis sanguíneos de troponina I cardíaca, peptídeo natriurético do tipo B, interleucina-6 e fator de necrose tumoral alfa durante e após a cirurgia. Resultados: os pacientes do grupo sufentanil precisaram de menos suporte inotrópico com dopamina, comparados aos do grupo controle (9,5% vs 58%, p = 0,001, e menos aumentos de doses de remifentanil (62% vs 100%, p = 0,004. Os dados hemodinâmicos em oito intervalos de tempo diferentes e os dados bioquímicos não apresentaram diferenças entre os grupos. Conclusões: os pacientes que receberam sufentanil intratecal apresentaram uma estabilidade hemodinâmica maior, como sugerido pelo suporte inotrópico reduzido, e menos ajustes nas doses intravenosas de opiáceos.

  9. Procedimentos cirúrgicos em pacientes proctológicos selecionados, sob anestesia local: estudo de 150 casos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    HENRIQUES Alexandre Cruz

    2000-01-01

    Full Text Available Experiência no tratamento de 150 pacientes portadores de afecções anorretais e da região sacrococcígea operados sob anestesia local no Hospital de Ensino da Faculdade de Medicina do ABC, São Bernardo do Campo, SP, no período de março de 1995 a março de 1998. Descrevem a técnica anestésica empregada, operações realizadas e a tolerância ao procedimento. A morbidade intra-operatória foi de 10,6% (16 pacientes e a pós-operatória de 6% (9 pacientes. A idade dos pacientes variou entre 15 e 92 anos de idade, com média de 42 anos; 58% eram do sexo masculino e 42% feminino. O tempo médio de cirurgia foi de 45 minutos e o de permanência hospitalar foi de 8 horas. Todos os pacientes foram orientados sobre a técnica anestésica, suas vantagens e desvantagens, e somente após sua aprovação, a cirurgia era programada. Internação hospitalar foi necessária em cinco pacientes (3,3%. Em nenhum caso foi necessário modificar a técnica anestésica. Interrogados, 96,7% dos pacientes afirmaram não sentir dor durante a operação e que repetiriam o procedimento. Conclui-se que o tratamento cirúrgico das afecções orificiais e da região sacrococcígea com anestesia local além de viável e seguro, é bem aceito pelos pacientes.

  10. Feocromocitoma y anestesia: Revisión del tema a propósito de un caso

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Yolanda Sotolongo Molina

    2002-12-01

    Full Text Available Se reporta el caso de un paciente al cual se le realizó resección de un feocromocitoma en el Instituto de Nefrología. Se describen sus antecedentes, anestesia general orotraqueal, control hemodinámico con lidocaína y nitropusiato de sodio y monitoreo transoperatorio empleado. Se realizó una revisión bibliográfica a través del Medline, a la luz de los conocimientos actuales de la atención perioperatoria, métodos anestésicos, terapéutica con vasodilatadores, bloqueadores alfa y beta adrenérgicos, sulfato de magnesio y bloqueadores de los canales de calcio utilizados en el paciente con feocromocitoma

  11. Anestesia venosa total (AVT em lactente com doença de Werdnig-Hoffmann: relato de caso Anestesia general intravenosa (AVT en lactante con enfermedad de Werdnig-Hoffmann: relato de caso Total intravenous anesthesia (TIVA in an infant with Werdnig-Hoffmann disease: case report

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marco Antonio Cardoso de Resende

    2010-04-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: A doença de Werdnig-Hoffmann é a causa mais comum de hipotonia no lactente e quando presente logo após o nascimento tem pior prognóstico. Fraqueza muscular simétrica, arreflexia e fasciculações da língua são característicos. A maioria dos lactentes morre antes dos dois anos por insuficiência respiratória. O presente relato apresenta um caso com técnica venosa total durante anestesia. RELATO DO CASO: Paciente feminina, branca, um ano, 10 kg, estado físico ASA III, com doença de Werdnig-Hoffmann diagnosticada desde os dois meses de idade. Candidata à gastrostomia e fundogastroplicatura na técnica aberta e traqueostomia. Monitorização com cardioscópio, pressão arterial não invasiva, oxímetro de pulso, estetoscópio precordial e temperatura retal após venóclise. Foi préoxigenada e após bolus de atropina (0,3 mg foi realizada indução anestésica com remifentanil bolus (20 µg e propofol (30 mg. Após intubação traqueal foi ventilada de forma controlada manual, em sistema sem absorvedor de CO2, Baraka (sistema Mapleson D, FGF de 4 L.min-1, FiO2 0,5 (0(2/N(20. Mantida sob anestesia com propofol 250 µg.kg-1.min-1 e remifentanil 0,3 µg.kg-1.min-1 em infusão contínua manual. O tempo cirúrgico foi de 150 minutos. O despertar ocorreu 8 minutos após o término da infusão, com ventilação espontânea. Duas horas depois foi transferida para unidade pediátrica e recebeu alta hospitalar no 4º dia de pós-operatório. CONCLUSÕES: A escolha da técnica anestésica prioriza a segurança que advém da familiaridade do manuseio dos fármacos existentes. Em crianças com doenças neuromusculares, a anestesia venosa total com remifentanil e propofol em sistemas de infusão, pela duração de ação extremamente curta, pode influenciar a evolução da doença favoravelmente.JUSTIFICATIVA Y OBJETIVOS: La enfermedad de Werdnig-Hoffmann es la causa más común de hipotonía en el lactante y cuando est

  12. Variação da pressão sistólica como método diagnóstico da hipovolemia durante anestesia para cirurgia cardíaca Variación de la presión sistólica como método diagnóstico de la hipovolemia durante anestesia para cirugía cardiaca Systolic pressure variation as diagnostic method for hypovolemia during anesthesia for cardiac surgery

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ricardo Vieira Carlos

    2005-02-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: A estimativa acurada do volume intravascular efetivo é de grande importância em pacientes submetidos a procedimentos cirúrgicos de grande porte. A avaliação da volemia, baseada na variação da pressão sistólica (VPS, (diferença entre os valores sistólicos máximos e mínimos durante um ciclo respiratório controlado mecanicamente e sua variável delta down (dDown tem se mostrado um indicador sensível da pré-carga, quando cotejados com parâmetros hemodinâmicos convencionais. Como a VPS não é um parâmetro utilizado rotineiramente para avaliação da volemia, este trabalho teve como objetivo introduzir a técnica da medida da VPS e verificar sua validade em pacientes submetidos à anestesia para cirurgia cardíaca. MÉTODO: A partir de programa de computador especialmente desenvolvido, transmitiu-se em tempo real a variação da pressão arterial a partir do monitor da sala cirúrgica para microcomputador conectado em rede. Após a adaptação deste sistema, foram estudadas as variações da pressão sistólica em nove pacientes submetidos à revascularização do miocárdio. As variáveis foram registradas em dois momentos, utilizando-se a expansão volêmica como indicador: M0 (antes da expansão volêmica e M1 (após a expansão volêmica. Também foram estudados alguns parâmetros hemodinâmicos convencionais, confrontados com a variação da pressão sistólica. RESULTADOS: Os principais resultados deste estudo mostram que a VPS, em seu componente dDown, é a que apresenta maior consistência de variação após a expansão volêmica com amido.Os demais parâmetros hemodinâmicos estudados, embora apontem para nítida melhora cardiovascular após a expansão, possuem alta variabilidade entre os pacientes e mesmo quanto à resposta ao expansor. CONCLUSÕES: Os resultados obtidos mostram que a VPS se comporta como um sensível indicador da volemia, em pacientes sob ventilação mecânica, quando

  13. Anestesia em paciente com Xeroderma Pigmentoso: relato de caso Anestesia en paciente con Xeroderma Pigmentoso: relato de caso Anesthesia in patient with Xeroderma Pigmentosum: case report

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Carlos Rogério Degrandi Oliveira

    2003-02-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: O Xeroderma Pigmentoso é uma doença autossômica recessiva rara, caracterizada pelo desenvolvimento prematuro de neoplasias devido à extrema sensibilidade à radiação ultravioleta. Estas manifestações ocorrem por falha no mecanismo de excisão e reparo do DNA. Se comparados a indivíduos normais, estes pacientes apresentam risco 1000 vezes maior de desenvolver neoplasias em áreas expostas ao sol. O objetivo deste relato é apresentar a conduta anestésica em uma paciente portadora de Xeroderma Pigmentoso submetida à cirurgia oftalmológica. RELATO DO CASO: Paciente do sexo feminino, 7 anos, portadora de Xeroderma Pigmentoso com comprometimento facial extenso, admitida para exérese de lesão papilar no olho direito. Foi prescrito midazolam (10 mg por via oral, como medicação pré-anestésica. A monitorização inicial consistiu de cardioscópio, oxímetro de pulso, estetoscópio precordial e pressão arterial não invasiva. Foi realizada pré-oxigenação com oxigênio a 100% por 3 minutos e indução inalatória sob máscara com oxigênio a 100% e sevoflurano em concentrações crescentes até 7%. Após acesso venoso periférico com cateter 22G, foram injetados propofol (50 mg e succinilcolina (20 mg e realizada intubação traqueal com tubo 5,5 mm sem balonete. Um guia de metal foi utilizado para facilitar a introdução do tubo traqueal. A manutenção da anestesia foi feita com sevoflurano a 3,5% e oxigênio a 100%, com sistema de Bain. A criança foi extubada na sala cirúrgica e encaminhada à sala de recuperação pós-anestésica em boas condições. CONCLUSÕES: As alterações faciais e orofaríngeas decorrentes desta doença determinaram dificuldades na adaptação da máscara facial e intubação traqueal. A educação constante do paciente e de seus familiares constitui o objetivo mais importante no manuseio desta doença.JUSTIFICATIVA Y OBJETIVOS: El Xeroderma Pigmentoso es una enfermedad autos

  14. Intervención psicoeducativa para facilitar el exámen clínico odontológico en personas con trastornos del espectro autista

    OpenAIRE

    Orellana Salazar, Lorena Mirtala

    2013-01-01

    INTRODUCCIÓN: Las grandes barreras en la interacción social, comunicación, conducta y alteraciones sensoriales que presentan las personas con TEA dificultan enormemente la atención odontológica de estos pacientes. Como resultado de las dificultades que plantea realizarles tan sólo un examen clínico odontológico la mayoría son atendidos bajo anestesia general. Teniendo en cuenta que en la actualidad el tratamiento más eficaz para este trastorno es la intervención psicoeducativa, ciertas estrat...

  15. Uso de tablet (iPad® como ferramenta para ensino da anestesiologia em estágio de ortopedia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Pedro Paulo Tanaka

    2012-04-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: O objetivo deste estudo foi comparar as pontuações da equipe de internos pelas avaliações da "qualidade geral do ensino" durante um rodízio em anestesia para ortopedia nos primeiros seis meses (11 residentes receberam o currículo impresso em uma pasta e nos últimos seis meses (9 residentes receberam o mesmo currículo em um computador tablet [iPad®, Apple Inc., Cupertino, Ca]. MÉTODOS: No início do rodízio de duas semanas, o residente recebeu um iPad contendo: um programa de estudo com exercícios diários de leitura; os objetivos do rodízio em relação às competências essenciais do Accreditation Council for Graduate Medical Education (ACGME; e artigos de periódicos. Antes do estudo, esses materiais curriculares foram distribuídos em um fichário impresso. O iPad também forneceu sites revisados por pares e acesso online direto a livros referentes à matéria, mas não estava conectado ao prontuário eletrônico. No final do rodízio, os residentes responderam às perguntas de forma anônima para avaliar o mesmo em uma escala ordinal de 1 (insuficiente a 5 (excelente. Os residentes não sabiam que os dados seriam analisados retrospectivamente para este estudo. RESULTADOS: A pontuação média global do rodízio, avaliada pela "qualidade geral do ensino desse rodízio" aumentou de 4,09 (N = 11 avaliações antes da intervenção, DP 0,83, mediana de 4, variação de 3-5 para 4,89 (N = 9 avaliações após a intervenção, DP 0,33, mediana 5, variação de 4-5 p = 0,04. CONCLUSÕES: Os residentes responderam favoravelmente à introdução de um currículo inovador via iPad para o rodízio em anestesia ortopédica. São necessários mais estudos para mostrar como tais tecnologias de computação móvel podem melhorar a aprendizagem, especialmente porque os residentes trabalham em vários locais, têm limites de horas de trabalho e precisam documentar o aprendizado da residência em seis compet

  16. Epidural anesthesia using a 0,75% ropivacaine and subarachnoid anesthesia with a 0,5% bupivacaine associated or not with clonidine in hemorroidectomies Anestesia peridural com ropivacaína a 0,75% e anestesia subaracnóidea com bupivacaína a 0,5% associadas ou não à clonidina em hemorroidectomias

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    João Florêncio de Abreu Baptista

    2008-12-01

    24 horas foram anotados. RESULTADOS: A intensidade da dor, 8 horas após a cirurgia, foi menor no grupo 4, e significantemente menor no grupo 4 em relação aos grupos 1 e 2, 12 horas (p=0,022; p=0,001 e 24 horas (p=0,03; p=0,003. A freqüência do uso de vasoconstritores no transoperatório e de analgésicos no pós-operatório não diferiu entre os grupos. Não houve complicações anestésicas. CONCLUSÕES: A anestesia subaracnóidea com bupivacaína a 0,5%, com clonidina, apresentou melhor analgesia que a anestesia peridural com ropivacaína a 0,75% com ou sem clonidina, porém todas foram seguras e eficazes. A clonidina contribuiu para diminuir a dor na anestesia subracnóidea.

  17. Implante uretero-vesical em ratos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Tucci Jr. Silvio

    2000-01-01

    Full Text Available Apresentar os resultados obtidos com técnica de implante ureterovesical em ratos após obstrução ureteral ipsilateral. Treze ratos foram submetidos à obstrução ureteral distal à direita e, após uma semana, realizou-se o implante desse ureter na bexiga seguido da nefrectomia contralateral. No período de observação de 4 semanas foram estudados os níveis séricos semanais de uréia e creatinina e, na quarta semana, foi realizada cistografia para pesquisa de refluxo vésico-ureteral. Nove animais sobreviveram ao período de obstrução ureteral. Observou-se aumento significativo dos valores de uréia e creatinina sérica no segundo dia pós-operatório, que regrediram para níveis semelhantes aos basais já na terceira semana de seguimento. Não foi observado refluxo vésico-ureteral à cistografia. Após o sacrifício, a avaliação da junção uretero-vesical não mostrava sinais de obstrução, havendo regressão da hidronefrose presente antes do implante ureteral. A técnica de reimplante ureteral utilizada é eficaz em proporcionar adequada drenagem do trato urinário, evitando refluxovésico-ureteral, sendo adequada para ser utilizada no estudo da recuperação da função renal após período de obstrução ureteral.

  18. Anestesia em paciente obstétrica portadora de anemia falciforme e traço talassêmico após plasmaféresis: relato de caso Anesthesia in obstetric patient with sickle cell anemia and thalassemic trait after plasmapheresis: case report

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Eduardo Barbosa Leão

    2005-06-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: A plasmaféresis é a técnica de tratamento de escolha para pacientes com anemia hemolítica grave. Uma de suas conseqüências é a depleção de colinesterase plasmática, o que interfere na metabolização de alguns bloqueadores neuromusculares de uso corrente na prática anestesiológica. RELATO DO CASO: Paciente com 26 anos, estado físico ASA IV, gestação de 30 semanas e 3 dias, portadora de anemia falciforme, traço talassêmico e alo-imunização para antígenos de alta freqüência. Apresentou crise de falcização, sendo transfundida com derivado sangüíneo incompatível. Evoluiu com hemólise maciça, sendo admitida com hemoglobina de 3 g/dL e hematócrito de 10%, icterícia intensa, taquicardia, apatia e descoramento. Na avaliação hematológica concluiu-se ser situação de inexistência de sangue compatível para transfusão. Foi tratada com corticoterapia, imunoglobulinas e plasmaféresis. No segundo dia de internação, evoluiu com insuficiência renal aguda e edema pulmonar agudo, piora do estado geral e instabilidade hemodinâmica. Indicada a resolução da gestação em decorrência do quadro clínico da paciente e do sofrimento fetal agudo que se sobrepôs. A paciente foi admitida na sala de operações consciente, dispnéica, pálida, ictérica, SpO2 de 91% em ar ambiente, freqüência cardíaca de 110 bpm e pressão arterial de 110 x 70 mmHg, em uso de dopamina (1 µg.kg-1.min-1 e dobutamina (10 µg.kg-1.min-1. Optou-se por anestesia geral balanceada, com alfentanil (2,5 mg, etomidato (14 mg e atracúrio (35 mg e isoflurano. Não se observou intercorrências anestésico-cirúrgicas. Ao final, a paciente foi encaminhada à UTI, sob intubação orotraqueal, e em uso de drogas vasoativas, tendo sido extubada após 3 horas. CONCLUSÕES: Este caso mostrou-se um desafio para a equipe, visto que a paciente apresentava instabilidade hemodinâmica e alteração do coagulograma, condições que contra

  19. Anestesia para amigdalectomia em criança portadora de síndrome de Klippel-Feil associada à síndrome de down: Relato de caso Anestesia para amigdalectomía en niño portador de síndrome de Klippel-Feil asociado al síndrome de down: Relato de caso Anesthesia for tonsillectomy in a child with Klippel-Feil syndrome associated with down syndrome: Case report

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Magda Lourenço Fernandes

    2010-06-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: Anormalidades craniofaciais, presentes na síndrome de Klippel-Feil (SKF e na síndrome de Down (SD, podem dificultar o acesso à via aérea. Cirurgias na orofaringe também exigem atenção especial com a via aérea. A associação de ambas as síndromes em paciente candidato à amigdalectomia é uma condição rara, que impõe desafios ao tratamento anestésico-cirúrgico. O objetivo deste relato é discutir os cuidados para a abordagem da via aérea e os riscos da manipulação cervical em paciente portador de SKF e SD submetido à amigdalectomia. RELATO DE CASO: Criança de 5 anos com diagnóstico prévio de SKF, SD e instabilidade da articulação atlantoaxial foi submetida à amigdalectomia sob anestesia geral balanceada. A ventilação sob máscara e a intubação traqueal foram realizadas com a cabeça em posição neutra. A perfeita visualização da epiglote e das cordas vocais permitiu intubação traqueal com laringoscopia convencional. A cirurgia também foi realizada sem extensão cervical, transcorrendo sem intercorrências. CONCLUSÕES: Embora o acesso à via aérea possa ser fácil, alterações anatômicas pressupõem via aérea difícil em pacientes portadores de SKF e SD. Cuidados diferenciados e recursos adequados são obrigatórios para se evitarem complicações durante a abordagem da via aérea. A manipulação cervical deve ser evitada na presença de instabilidade da articulação atlantoccipital pelo risco de lesão neurológica.JUSTIFICATIVA Y OBJETIVOS: Las anormalidades craneofaciales presentes en el Síndrome de Klippel-Feil (SKF y en el Síndrome de Down (SD, pueden dificultar el acceso a la vía aérea. Las cirugías en la orofaringe también exigen una atención especial con la vía aérea. La asociación de los dos síndromes en paciente candidato a la amigdalectomía es una condición rara, que impone retos al tratamiento anestésico-quirúrgico. El objetivo de este relato es

  20. Avaliação de um novo implante intra-orbitário: resultados preliminares Evaluation of a new intraorbital implant: preliminary results

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Thierry Malet

    2003-01-01

    Full Text Available OBJETIVO: Apresentar novo tipo de implante orbitário, com formato original, o modo de utilização e os resultados clínicos preliminares. MÉTODOS: Os autores descrevem a técnica cirúrgica utilizada para a inserção do novo implante em 22 pacientes, como implante primário ou secundário. Os pacientes foram avaliados de forma prospectiva quanto aos seguintes aspectos: cosmético (grau de sulco suprapalpebral e enoftalmia, mobilidade, centragem e volume do implante. O tempo de seguimento variou de 3 a 15 meses (média 1 ano. RESULTADOS: Observou-se resultado cosmético satisfatório, sem casos de enoftalmia ou de sulco suprapalpebral importante, bem como boa mobilidade das próteses adaptadas sobre o novo implante. Não houve casos de infecção, migração ou extrusão do implante. CONCLUSÃO: Os resultados pós-operatórios com o novo implante são comparáveis aos implantes com pinos externos. Contudo um estudo multicêntrico, com maior tempo de controle pós-operatório é necessário, para avaliação mais acurada das complicações potenciais.PURPOSE: To describe a new orbital implant, with an original shape, the surgical technique adapted for its implantation and preliminary results. METHODS: The authors describe the surgical technique performed in 22 patients, either as primary or secondary implants. The patients were evaluated in a prospective way to cosmesis (degree of upper lid sulcus and enophthalmos, implant mobility, volume and centralization. Follow-up ranged from 3 to 15 months (average 1 year. RESULTS: A good cosmetic result without cases of severe upper lid sulcus or enophthalmos and a good prosthesis mobility were observed. There was no implant infection, migration or extrusion. CONCLUSIONS: We conclude that the clinical results with the new implant can be compared to the usual coupled ones, but a multicentric study, with longer follow-up is necessary, for a better evaluation of its potential complications.

  1. Eficacia anestésica y duración analgésica de la bupivacaína al 0.25% + morfina vs bupivacaína al 0.25% en bloqueo del plexo braquial para cirugía de miembro superior en pacientes del Hospital Vicente Corral Moscoso, Cuenca 2014

    OpenAIRE

    Espinoza Bernal, Flora Judith

    2016-01-01

    Introducción: La cirugía de miembro superior es un reto para el anestesiólogo por que amerita el dominio de técnicas de anestesia regional y manejo de complicaciones y analgesia en las primeras 48 horas. Objetivo: Comparar la eficacia anestésica entre bupivacaína al 0.25% + morfina y bupivacaína al 0.25% en bloqueo del plexo braquial para cirugía de miembro superior en el H.V.C.M, Cuenca 2014. Metodología: se diseñó un estudio clínico aleatorio simple ciego, para valorar el efecto de la...

  2. Computational tool for postoperative evaluation of cochlear implant patients; Ferramenta computacional para avaliacao pos-operatoria de pacientes com implante coclear

    Energy Technology Data Exchange (ETDEWEB)

    Giacomini, Guilherme; Pavan, Ana Luiza M.; Pina, Diana R. de [Universidade Estadual Paulista Julio de Mesquita Filho (IBB/UNESP), Botucatu, SP (Brazil). Instituto de Biociencias; Altemani, Joao M.C.; Castilho, Arthur M. [Universidade Estadual de Campinas (HC/UNICAMP), Campinas, SP (Brazil). Hospital de Clinicas

    2016-07-01

    The aim of this study was to develop a tool to calculate the insertion depth angle of cochlear implants, from computed tomography exams. The tool uses different image processing techniques, such as thresholding and active contour. Then, we compared the average insertion depth angle of three different implant manufacturers. The developed tool can be used, in the future, to compare the insertion depth angle of the cochlear implant with postoperative response of patient's hearing. (author)

  3. Anestesia com cetamina, midazolam e óxido nitroso em cães submetidos à esofagoplastia cervical Ketamine, midazolam and nitrous oxide anesthesia in dogs submitted to cervical esophagoplasty

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Juliana Tabarelli Brondani

    2003-12-01

    Full Text Available Este estudo foi realizado para avaliar a anestesia intravenosa com cetamina e midazolam (K-M em cães ventilados mecanicamente com 66% de óxido nitroso e 33% de oxigênio ou 100% de oxigênio. Foram utilizados 16 cães sem raça definida, hígidos, com peso médio de 14,2 ± 3,78kg, submetidos a jejum sólido de 12 horas prévio ao procedimento. A anestesia foi induzida com a associação de cetamina (10mg.kg-1 e midazolam (0,5mg.kg-1 administrados na mesma seringa por via intravenosa (IV. Para manutenção anestésica, foi utilizada cetamina (5mg.kg-1 e midazolam (0,25mg.kg-1 administrados por via IV em intervalos de 10 minutos. Os animais foram distribuídos em dois grupos: N2O e O2. No grupo N2O, os cães foram ventilados mecanicamente com 66% de óxido nitroso e 33% de oxigênio. No grupo O2, somente o oxigênio foi utilizado para ventilação artificial. Em ambos os grupos, os animais foram submetidos à esofagoplastia cervical. As variáveis fisiológicas utilizadas para comparação entre os grupos foram: freqüência cardíaca, pressões arteriais sistólica, média e diastólica, saturação de oxigênio da hemoglobina e temperatura corporal. A necessidade ou não de doses adicionais da associação cetamina e midazolam também foi registrada para comparação. A análise estatística dos resultados não demonstrou diferenças significativas nas variáveis fisiológicas entre os grupos. No grupo O2, foram necessárias doses maiores da associação K-M para manutenção anestésica nos 30 minutos iniciais (pThis study was conducted to evaluate the effects of ketamine, midazolam, and nitrous oxide anesthesia (K-M in dogs artificially ventilated with 66% nitrous oxide and 33% oxygen or 100% oxygen. These dogs were submitted to experimental cervical esophagoplasty. Sixteen clinically healtly mixed breed dogs with mean body weight of 14.2 ± 3.78kg were studied. A 12-hour fasting period was established for each dog. Anesthesia was produced

  4. Avaliação do torque para inserção, remoção e fratura de diferentes mini-implantes ortodônticos Evaluation of insertion, removal and fracture torques of different orthodontic mini-implants in bovine tibia cortex

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria Fernanda Prates da Nova

    2008-10-01

    Full Text Available OBJETIVO: avaliar, em mini-implantes de diferentes dimensões, os seguintes fatores: (a torque de inserção, (b torque de remoção, (c torque de fratura, (d tensão cisalhante, (e tensão normal e (f tipo de fratura. METODOLOGIA: foram utilizados 20 mini-implantes autoperfurantes, 10 da marca SIN e 10 da Neodent com, respectivamente, 8 e 7mm de comprimento, todos com 1,6mm de diâmetro. Dos 10 mini-implantes de cada marca, 5 não possuíam perfil transmucoso e 5 tinham perfil de 2mm, formando 4 grupos: SIN sem perfil (SSP, SIN com perfil (SCP, Neodent sem perfil (NSP e Neodent com perfil (NCP. Todos os mini-implantes foram inseridos em cortical óssea e removidos com micromotor acoplado a um torquímetro. Os mini-implantes foram, também, submetidos ao ensaio de fratura. Os torques de inserção, remoção e fratura, assim como a tensão cisalhante e normal calculadas, foram comparados entre todos os grupos pela ANOVA. O tipo de fratura foi avaliado em microscópio eletrônico de varredura. RESULTADOS: verificou-se que o grupo NCP apresentou torque de inserção significativamente maior que os demais grupos, porém todos fraturaram durante a inserção (n = 2 ou remoção (n = 3. Não houve diferença entre os grupos para o torque de remoção. Para o grupo NSP, o torque de fratura foi significativamente menor do que todos os outros grupos. Todos os mini-implantes sofreram fratura do tipo dúctil. CONCLUSÃO: uma vez que não houve diferença na resistência mecânica de ambas as marcas, variando apenas a forma, conclui-se que a resistência à fratura pode ser afetada por esta variável.AIM: The purpose of this study was to evaluate mini-implants with different dimensions for the following factors: (a insertion torque, (b removal torque, (c fracture torque, (d shear tension, (e normal tension and (f type of fracture. METHODS: Twenty self-drilling mini-implants were used, 10 from SIN and 10 from Neodent, with 1.6mm in diameter and with 8 and 7

  5. Anestesia venosa total (AVT) em lactente com doença de Werdnig-Hoffmann: relato de caso Anestesia general intravenosa (AVT) en lactante con enfermedad de Werdnig-Hoffmann: relato de caso Total intravenous anesthesia (TIVA) in an infant with Werdnig-Hoffmann disease: case report

    OpenAIRE

    Marco Antonio Cardoso de Resende; Elizabeth Vaz da Silva; Osvaldo José Moreira Nascimento; Alberto Esteves Gemal; Giseli Quintanilha; Eliana Maria Vasconcelos

    2010-01-01

    JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: A doença de Werdnig-Hoffmann é a causa mais comum de hipotonia no lactente e quando presente logo após o nascimento tem pior prognóstico. Fraqueza muscular simétrica, arreflexia e fasciculações da língua são característicos. A maioria dos lactentes morre antes dos dois anos por insuficiência respiratória. O presente relato apresenta um caso com técnica venosa total durante anestesia. RELATO DO CASO: Paciente feminina, branca, um ano, 10 kg, estado físico ASA III, co...

  6. Influência da técnica de anestesia no tempo de ocupação de sala cirúrgica nas operações anorretais Influence of the anesthetic technique on the time spent in operating rooms in anorectal procedures

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Paulo Gustavo Kotze

    2008-06-01

    Full Text Available INTRODUÇÃO: atualmente cerca de 90% das operações anorretais são realizadas em regime ambulatorial. A técnica anestésica é fator fundamental na busca de reduzido tempo de internação, agilidade no ambiente cirúrgico e redução de custos nestes procedimentos. Não há consenso na literatura sobre qual o melhor tipo de anestesia para essas operações. OBJETIVO: comparar o tempo de ocupação de sala cirúrgica em pacientes submetidos a operações anorretais através da técnica de raquianestesia com bupivacaína 0,5% isobárica comparada com a técnica de anestesia venosa com propofol associada ao bloqueio perianal local com lidocaína a 2% e bupivacaína 0,5%. MÉTODOS: Foram incluídos 99 pacientes divididos em 2 grupos: grupo I (raquianestesia, composto por 50 pacientes e grupo II (anestesia combinada, composto por 49 pacientes. Foram estudados os procedimentos cirúrgicos e o tempo de procedimento anestésico-cirúrgico, e medida indireta da ocupação da sala cirúrgica. RESULTADOS: Não houve diferença estatística significativa entre os grupos estudados em relação ao tipo de procedimento cirúrgico, sexo e idade. O tempo médio do procedimento anestésico-cirúrgico, no grupo I foi de 53,1 min e de 44,08 min no grupo II (p=0,034. CONCLUSÕES: As duas técnicas estudadas foram eficazes. Houve menor tempo de procedimento anestésico-cirúrgico nos pacientes operados com anestesia combinada, com significância estatística.INTRODUCTION: around ninety percent of anorectal surgical procedures are performed as day cases. The choice of a proper anesthetic technique is important to achieve reduced time in the operating rooms, hospital stay and low costs. There is no evidence in the literature that a superior type of anesthesia for these procedures exists. OBJECTIVE: to compare the time spent on operating rooms in patients submitted to anorectal surgical procedures through spinal anesthesia (0,5% bupivacaine with combined anesthesia

  7. Ecotest mamario: una nueva herramienta para la elección del plano de ubicación de los implantes

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Guillermo Siemienczuk

    2016-03-01

    Full Text Available Antecedentes y Objetivos. Para obtener los mejores resultados en mastoplastia de aumento con implantes, independientemente del volumen y la forma de los mismos, es necesaria la correcta elección del bolsillo de colocación. Para definir el plano apropiado, hasta ahora, nosotros usábamos el clásico test del pellizco (pinch test siguiendo la corriente bibliográfica mundial. Material y Método. El hecho de que esta medición puede resultar subjetiva y variable debido a las diferentes presiones ejercidas al ser realizado por distintos cirujanos, sumado a que no permite ver lo que realmente estamos pinzando, nos ha llevado a desarrollar la idea de medirlo fiel y objetivamente por medio de un estudio ecográfico preoperatorio al que denominamos ecotest del polo superior. Resultados. Con ésta nueva herramienta diagnóstica hemos evaluado a 95 pacientes, con un seguimiento mínimo de 6 meses de postoperatorio. Conclusiones. De este modo comprobamos la mejoría en nuestros resultados estéticos.

  8. Estudo experimental da biocompatibilidade de novo material para implante orbitário

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rodrigo Beraldi Kormann

    2013-06-01

    Full Text Available OBJETIVO:Avaliar a biocompatibilidade de material FullCure 720®, que é uma resina, na confecção de implante orbitário. Avaliou-se a resposta clínica dos animais, toxicidade sistêmica e a resposta inflamatória crônica. Os animais foram pesados, exames bioquímicos e resposta inflamatória foram avaliados. Foi efetuada evisceração e colocado implante esférico orbitário. Os animais foram acompanhados durante o período de 60 dias, onde se avaliou o comportamento clínico e sinais locais. Após este período, procedeu-se a eutanásia seguida da enucleação. Foi realizada análise macroscópica e histomorfométrica. Os resultados revelaram comportamento normal dos animais, com ausência de exposição ou extrusão dos implantes, morte de algum animal e ausência de toxicidade sistêmica. Houve formação de uma cápsula fibrosa entre a capa escleral e o implante orbitário, resposta inflamatória considerada normal quando em contato com o tecido do coelho. A resina FullCure 720® utilizada como implante orbitário, mostrou-se biocompatível neste estudo.

  9. Informações para a elaboração de um manual educativo destinado às mulheres com câncer de mama Informaciones para el desarrollo de un manual educativo para mujeres con cáncer de mama Information to the development of an educational manual for women with breast cancer

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Thais de Oliveira Gozzo

    2012-06-01

    Full Text Available O objetivo deste estudo foi identificar as informações necessárias para a elaboração de um manual educativo, para auxiliar a mulher no pré-operatório para tratamento do câncer de mama. Para isso, foram entrevistadas mulheres com o diagnóstico de câncer de mama e submetidas ao procedimento cirúrgico pela primeira vez no máximo há seis meses. Foram incluídas 51 mulheres na faixa etária de 25 a 84 anos; 32 tinham companheiro; 26, ensino fundamental incompleto; 24 consideraram sua ocupação como "do lar"; 43,1% foram submetidas à mastectomia; e 82,4% realizaram linfadenectomia axilar. Responderam um instrumento com dados sócio-demográficos e perguntas relativas às informações/orientações recebidas da equipe de saúde sobre tipos de cirurgia, internação, anestesia, uso do dreno e intercorrências. Para a elaboração de material educativo, conhecer esta realidade e as expectativas dos sujeitos é indispensável para que sejam priorizadas as necessidades dos clientes, e não somente as exigências terapêuticas.Este estudio objetivó identificar la información necesaria para desarrollar un material educativo para ayudar mujeres en el preoperatorio de cirugías para el tratamiento del cáncer de mama. Para ello, fueron entrevistadas mujeres con el diagnóstico de cáncer de mama y que se sometieron a cirugía por la primera vez en el máximo seis meses. Al todo 51 mujeres de 25 a 84 años fueron incluidas, 32 tenían una pareja, 26 tenían enseñanza primaria incompleta, 24 consideraron su ocupación como "ama de casa", el 43,1% fueron sometidas a mastectomía y el 82,4% realizaron linfadenectomía axilar. Las entrevistadas respondieron un instrumento con datos socio demográficos y cuestiones relativas a información/orientación recibida del personal de salud acerca de tipos de cirugía, hospitalización, anestesia, uso del dreno y complicaciones. Para la preparación del material educativo, conocer esta realidad y

  10. Alternativas a la elevación de seno maxilar: implantes cortos Alternatives to maxillary sinus elevation: short implants

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    J. González Lagunas

    2008-12-01

    Full Text Available La mala calidad del hueso, reabsorciones extremas y la presencia de la cavidad del seno maxilar constituían obstáculos insalvables para la rehabilitación implanto-soportada en el sector posterior del maxilar atrófico. La elevación de seno es probablemente la primera opción de tratamiento en el paciente tributario de rehabilitación con implantes en ese sector. El uso de implantes cortos (menos de 10 mm se ha asociado tradicionalmente con unas tasas de supervivencia menores que la de los implantes largos. No obstante la aparición de nuevas superficies y diseños indican que este tipo de implantes puede soportar de forma fiable restauraciones dentales. Presentamos la técnica de instalación de implantes de superficie porosa sinterizada, asi como una revisión actualizada sobre el comportamiento de los implantes cortos.Poor bone quality, extreme bony resorption and a pneumatized mqxillary sinus are a severe Challenger for reconstruction of the atrophic edentuous posterior maxilla. Sinus lift is probably the gold standard for Management of that area. Short implants (<10mm have traditionally been associated with lower survival rates. The introduction of new surfaces and designs indicate that this type of implants can adequately support dental restorations. We present the technique of installation of sinterised porous dental implants together with an update on the behaviour of short implants.

  11. NEUROCIENCIA Y ANESTESIA

    OpenAIRE

    Antonello Penna S., Dr., MD, PhD; Rodrigo Gutiérrez R., Dr., MD PhD(c)

    2017-01-01

    RESUMEN: Uno de los focos principales de la neurociencia es entender las funciones cerebrales superiores y cómo estas son inhibidas de manera reversible por los anestésicos generales. Por ello, la comprensión del mecanismo de acción de estos fármacos, que rutinariamente se utilizan en la práctica clínica, ha permitido avanzar enormemente en entender cómo se integra la información a nivel cerebral para establecer las nuevas memorias, la capacidad de reaccionar al medio externo y las bases de l...

  12. Ablação curativa da fibrilação atrial: comparação entre sedação profunda e anestesia geral Curative ablation of atrial fibrillation: comparison between deep sedation and general anesthesia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Elizabeth Bessadas Penna Firme

    2012-12-01

    Full Text Available OBJETIVO: Comparar sedação profunda com anestesia geral para ablação curativa de fibrilação atrial. MÉTODOS: Estudo prospectivo, aleatório, com 32 pacientes, idades entre 18 e 65 anos, ASA 2 e 3, IMC d" 30kg/m², distribuídos em dois grupos: sedação profunda (G1 e anestesia geral (G2. Todos receberam midazolan (0,5mg/kg venoso. O G1 recebeu propofol (1mg/kg e máscara facial de O2, seguido da infusão contínua de propofol (25-50mg/kg/min e remifentanil (0,01-0,05µg/kg/min. O G2 recebeu propofol (2mg/kg e máscara laríngea com tubo de drenagem, seguido da infusão contínua de propofol (60-100mg/kg/min e remifentanil (0,06-0,1µg/kg/min. Foram comparados: frequência cardíaca, pressão arterial invasiva, complicações, recidiva (desfecho em três meses e gasometrias. RESULTADOS: Os pacientes do G1 apresentaram gasometrias arteriais com níveis de PaCO2 maiores e pH menores (p=0,001 e maior incidência de tosse. Ocorreu diminuição da PAM e FC no G2. Exceto a tosse, as complicações e recidivas foram semelhantes em ambos os grupos. CONCLUSÃO: Ambas as técnicas podem ser utilizadas para a ablação curativa da fibrilação atrial. A anestesia geral proporcionou menores alterações respiratórias e maior imobilidade do paciente.OBJECTIVE: To compare deep sedation with general anesthesia for curative ablation of atrial fibrillation. METHODS: We conducted a prospective, randomized study with 32 patients, aged between 18 and 65 years, ASA 2 and 3, BMI d" 30kg/m2, divided into two groups: deep sedation (G1 and general anesthesia (G2. All patients received intravenous midazolam (0.5 mg / kg. G1 received propofol (1mg/kg and O2 by facemask, followed by continuous infusion of propofol (25-50mg/kg/min and remifentanil (0.01-0.05 mg / kg / min. G2 received propofol (2mg/kg and laryngeal mask with built-in drain tube, followed by continuous infusion of propofol (60-100mg/kg/min and remifentanil (0.06 to 0.1g/kg/min. We compared heart rate

  13. Anestesia para correção de tetralogia de Fallot em paciente adulto: relato de caso Anestesia para corrección de tetralogía de Fallot en paciente adulto: relato de caso Anesthesia for repair of tetralogy of Fallot in an adult patient: case report

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Michelle Nacur Lorentz

    2007-10-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: A cardiopatia congênita é um dos problemas mais comuns ao nascimento acometendo 1 a 1,5 em cada 10.000 nascidos vivos. Atualmente mais de 85% das crianças com cardiopatias congênitas chegam à idade adulta em parte devido aos novos tratamentos, mas sobretudo em virtude da tendência de se realizarem correções cirúrgicas mais precoces. Por outro lado, é raro encontrar um adulto com tetralogia de Fallot (T4F não-corrigida. O objetivo do presente relato foi descrever um caso de T4F submetido à correção cirúrgica na idade adulta. RELATO DO CASO: Paciente de 45 anos, sexo feminino, portadora de T4F internada para realização de correção cirúrgica. Ao exame físico apresentava-se cianótica nas extremidades e com saturação de oxigênio (SpO2 de 73%. Foi realizada anestesia geral balanceada com etomidato, fentanil, pancurônio e sevoflurano. A correção cirúrgica realizada foi o fechamento da comunicação ventricular e interposição de conduto valvado pulmonar n° 24, posteriormente foi fenestrado o septo ventricular. À saída de circulação extracorpórea (CEC foram administradas milrinona e dopamina. A SpO2 ao fim da operação era 97%. Após o procedimento cirúrgico a paciente foi encaminhada ao CTI, onde permaneceu por 72 horas e teve alta hospitalar no oitavo dia pós-operatório em boas condições. CONCLUSÕES: O caso ilustrou sucesso de intervenção cirúrgica em paciente de alto risco com grande interação entre cirurgião, anestesista e terapia intensiva.JUSIFICATIVA Y OBJETIVOS: El síndrome de la infusión del propofol ha sido descrito como un síndrome raro y frecuentemente fatal que ocurre después de la infusión prolongada de ese fármaco. Puede resultar en acidez metabólica grave, rabdomiólisis, colapso cardiovascular y deceso. El objetivo de este artículo fue mostrar aspectos relacionados al síndrome de la infusión del propofol a través de la revisión de la literatura

  14. Pasado, presente y futuro cercano de los materiales para uso en implantes óseos biodegradables

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Clara Eugenia Plazas Bonilla

    2011-05-01

    Full Text Available El manejo de fracturas y defectos óseos procura la regeneración del tejido óseo respetando su anatomía y buscando recuperar su funcionalidad. El logro de este objetivo se inició en el siglo XVII con el uso de injertos de origen animal o humano, y ha llegado en la actualidad al uso de implantes, dispositivos elaborados en materiales naturales o sintéticos que comportan una gran variedad de propiedades químicas, físicas y biológicas. Las investigaciones en el área continúan encaminándose a la solución de los inconvenientes que presentan los injertos: las reacciones inmunológicas, los riesgos de contaminación, la ausencia de donantes, la necesidad de varias intervenciones quirúrgicas y el riesgo de transmisión de enfermedades. Es por ello que, tanto la investigación básica como aplicada, se han encaminado de igual forma en el ámbito de la biología del desarrollo e investigación con células madre, como en el campo del exploración de nuevos biomateriales. Esta tendencia es evidente al observar los numerosos estudios en relación con el uso de materiales metálicos, poliméricos, cerámicos y, en la actualidad, de los materiales compuestos o híbridos con uso potencial en implantes ortopédicos. Muchos de estos materiales, al cumplir con condiciones de biocompatibilidad y toxicidad, pueden ser usados en el diseño de materiales biodegradables y son el elemento de partida para el surgimiento de numerosas líneas de investigación en biomateriales. En este documento, a partir de la identificación de los períodos de avance en el estudio de biomateriales, se reseñan las bondades y restricciones de estos diferentes grupos que han sido investigados para ser usados en regeneración ósea y se plantean las directrices que a mediano plazo se han de seguir en el campo de los materiales biodegradables, temática en la que hay un extenso camino por recorrer en el ámbito de la ciencia y tecnología de los materiales.

  15. Anestesia regional y saturación de oxígeno posoperatorio en el paciente geriátrico

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Alfonso R León

    2001-06-01

    Full Text Available Numerosos estudios plantean la necesidad de suministrar oxígeno suplementario a pacientes geriátricos en el período posoperatorio (PO, después de anestesia regional como profilaxis de hipoxemia. Teniendo en cuenta lo anterior, se decidió comprobar cómo se comporta la saturación de oxígeno (STO2 en el PO en los pacientes geriátricos que se asistieron con el uso de esta técnica. Previa autorización del consejo científico se seleccionaron al azar 50 pacientes ASA I-II-II (F = 30, K = 20 intervenidos de hemiabdomen inferior y miembros inferiores. Preoperatoriamente se registraron variables demográficas, antecedentes patológicos personales (APP y (STO2. Se realizó anestesia subaracnoidea (SA o peridural (PE. En el PO se realizaron 6 mediciones de la STO2 (cada 10 min durante 1 h a la salida del salón de operaciones. Se procesaron estadísticamente los resultados (comparación de medias. Edad promedio 76 ± 6 años, anestesia PE 20, SA 30, Hb media 10,5 g/L STO2 preoperatorio 94 % ± 1,5. Mediciones en el PO 1ra. 95 % ± 1,8; 2da. 94 % ± 1,3; 3ra. 93 % ± 2,1; 4ta. 95 % ± 1,9; 5ta. 94 % ± 1,5; 6ta. 93 % ± 1,7. No se hallaron diferencias estadísticamente significativas entre estas mediciones, ni en relación con la SOT2 preoperatorias con el uso de esta técnica anestésica en la población geriátricaMany studies state the need to administer supplementary oxygen to elderly patients in the postoperative period (POP after regional anesthesia as a prophylaxis of hipoxemia. Bearing in mind the above mentioned, we decided to confirm the behaviour of oxygen saturation (O2S in the POP of these aged patients that were assisted with this technique. Having cosulted the Scientifc Council, we proceed to a random selection of 50 ASA I-II-III patients (F = 30, K = 20 that underwent an operation of inferior hemiabdomen and lower limbs. Demographic variables, personal pathologic histories (PPH and 02S were obtained before the operation

  16. Anestesia do pirarucu por aspersão direta nas brânquias do eugenol em solução aquosa Anesthesia in pirarucu by eugenol sprays in the gills

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Alexandre Honczaryk

    2009-04-01

    Full Text Available O pirarucu (Arapaima gigas é um peixe que vem ganhando importância cada vez maior na piscicultura comercial na Amazônia. No entanto, por ser um animal de grande porte, no campo, é comum o relato de acidentes envolvendo pancadas violentas em técnicos durante o manejo. Desse modo, é imperativa a anestesia desses animais. Todavia, para a espécie em discussão, a realização de banhos anestésicos, muitas vezes, não é possível devido ao tamanho do animal e ao risco de afogamento do peixe pulmonado. O presente trabalho avaliou de maneira prática a viabilidade do eugenol como anestésico para o pirarucu por aspersão direta nas brânquias. Para tanto, três animais jovens foram submetidos à aspersão de eugenol nas brânquias em concentração de 30mg L-1 e dois na concentração de 60mg L-1. O eugenol borrifado nas brânquias mostrou-se viável como anestésico para o pirarucu, não sendo observada a mortalidade de animais mesmo um mês após os testes.Pirarucu (Arapaima gigas is an important species to commercial fish farming in Amazon. It achieves more than 2m and 100kg. However, fish handling may be risky to workers. Anesthesia is necessary, but usual anesthetic baths are not feasible due to the size of fish and the pulmonary respiration of Pirarucu. This fish may die drowned in anesthetic baths. This research evaluated the alternative anesthetic eugenol to pirarucu by sprays in the gills. Solution in concentration of 30mg L-1 was sprinkled in the gills of three fish, and 60mg L-1 was sprinkled in the gills of two other fish. Eugenol sprays provided safe anesthesia for pirarucu. No mortality was observed even one month after the experiment.

  17. Anestesia e o usuário de Ecstasy Anestesia y el usuario de Ecstasy Anesthesia and the Ecstasy user

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Eduardo Toshiyuki Moro

    2006-04-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: Nos últimos anos o número de novos usuários de agentes ilícitos tem aumentado de forma significativa em todo o mundo. A maconha e a cocaína, além do álcool e do tabaco, têm sido os agentes citados com freqüência, porém houve um aumento significativo de usuários de outros agentes psicoestimulantes ou alucinógenos, como o Ecstasy, o GHB, o LSD e a metanfetamina, empregados com o objetivo de intensificar as experiências sociais. O objetivo do presente artigo foi discutir a apresentação clínica, os efeitos deletérios e as potenciais interações com o ato anestésico no paciente cirúrgico usuário desses agentes ilícitos. CONTEÚDO: O artigo discute os mecanismos de ação, a apresentação clínica, os efeitos deletérios e as possíveis repercussões observadas durante a anestesia no usuário de MDMA (3,4-metilenodioximetanfetamina, também conhecido como Ecstasy. CONCLUSÕES: A apresentação clínica e os efeitos deletérios provocados pelo 3,4-metilenodioximetanfetamina (Ecstasy, assim como potenciais interações com o ato anestésico devem ser do conhecimento do anestesiologista, pois em muitas situações esses usuários serão submetidos a intervenções cirúrgicas de emergência, ou mesmo eletivas.JUSTIFICATIVA Y OBJETIVOS: En los últimos años el número de nuevos usuarios de drogas ilícitas ha aumentado de forma significativa en todo el mundo. La marihuana y la cocaína, además del alcohol y del tabaco, han sido las drogas citadas frecuentemente, sin embargo, hubo un aumento significativo de usuarios de otros agentes psicoestimulantes o alucinógenos, como el Ecstasy, el GHB, el LSD y la metanfetamina, empleados con el objetivo de intensificar las experiencias sociales. El objetivo del presente artículo fue el de traer a colación la presentación clínica, los efectos destructivos y las potenciales interacciones con el acto anestésico en el paciente quirúrgico usuario de esas drogas

  18. Efeito anestésico do óleo de cravo em alevinos de lambari Anesthetic effect of clove oil on lambari

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Elyara Maria Pereira-da Silva

    2009-09-01

    Full Text Available Para avaliar o efeito anestésico do óleo de cravo em lambaris (Astyanax altiparanae, cinco grupos de 30 alevinos (0,6±0,1g foram expostos às concentrações de 50, 75, 100, 125 e 150mg L-1, medindo-se, respectivamente: tempo de indução à anestesia profunda (caracterizada pela perda de equilíbrio, pela ausência de natação, pela redução dos movimentos operculares e pelas respostas apenas a estímulos táteis mais intensos, tempo de recuperação e taxa de mortalidade após a exposição. Em uma segunda etapa (10 peixes/tratamento, registraram-se, para cada concentração, os tempos de indução e de recuperação após anestesia cirúrgica (movimentos operculares lentos e irregulares e perda de reações a estímulos, anotando-se a mortalidade após seis minutos de exposição. Observou-se redução linear no tempo de indução à anestesia (0,01min mg-1 de anestésico acrescido e aumento quadrático do tempo de recuperação com a elevação da concentração (resposta máxima estimada em 7,1 minutos. A anestesia profunda foi alcançada em tempo inferior a 1,5 minuto para todas as concentrações, com recuperação mais rápida e sem mortalidade para 50mg L-1. Para indução à anestesia cirúrgica, foram registrados menores tempos nas concentrações 75 e 100mg L-1; porém, com mortalidade de 80% e 100%, respectivamente. A concentração 50mg L-1 promoveu anestesia cirúrgica e recuperação em 3,29±0,71 e 4,97±0,63 minutos, respectivamente, sem mortalidade. Concluiu-se que o óleo de cravo possui efeito anestésico para alevinos de lambari, sendo 50mg L-1 a concentração eficiente e segura para indução à anestesia profunda em até 1,5 minuto e de anestesia cirúrgica em até 3,3 minutos de exposição.The anesthetic effect of clove oil on lambari (Astyanax altiparanae was evaluated by exposing five groups of 30 fry (0.6±0.1g to concentrations of 50, 75, 100, 125 and 150mg L-1 and measuring the induction time to deep

  19. Paramagnetism in ion-implanted oxides

    CERN Document Server

    Mølholt, Torben Esmann; Gíslason, Hafliði Pétur; Ólafsson, Sveinn

    This thesis describes the investigation on para-magnetism in dilute ion-implanted single-crystal oxide samples studied by on- and off-line $^{57}$Fe emission Mössbauer spectroscopy. The ion-implantation of the radioactive isotopes ( $^{57}$Mn and $^{57}$Co) was performed at the ISOLDE facility at CERN in Geneva, Switzerland. The off-line measurements were performed at Aarhus University, Denmark. Mössbauer spectroscopy is a unique method, giving simultaneously local information on valence/spin state of the $^{57}$Fe probe atoms, site symmetry and magnetic properties on an atomic scale. The utilisation of emission Mössbauer spectroscopy opens up many new possibilities compared with traditional transmission Mössbauer spectroscopy. Among them is the possibility of working with a low concentration below 10$^{-4}$ –10$^{-3}$ at.%, where the implanted Mössbauer $^{57}$Fe probes are truly dilute impurities exclusively interacting with their nearest neighbours and therefore the possibility of crea...

  20. Referências para o ensino de competências na enfermagem Referencias para la formación por competencia en enfermería References for competence teaching in nursing

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Edvane Birelo Lopes De Domenico

    2005-08-01

    Full Text Available O presente artigo de revisão de literatura traz referências pedagógicas para a implantação de um projeto de ensino por competências para a formação de enfermeiros, destacando as bases de sustentação deste projeto e o modelo formativo de avaliação.El artículo presenta referencias pedagógicas para la implantation de um proyecto de enseñanza por competência para la formación de enfermeras, destacando las bases de sustentar este proyecto y el modelo de formación cualitativa.The present literature review introduces pedagogical references for the implantation of a teaching by competences project to the nursing education, emphasizing the support of this project and the formative model of evaluation.

  1. Efeito da dexametasona e do cetoprofeno na osteogênese e na resistência óssea em ratos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Patrícia Costa dos Santos da Silva

    2012-04-01

    Full Text Available O presente estudo teve como objetivo avaliar o efeito do cetoprofeno e da dexametasona na osteogênese ao redor de implante de hidroxiapatita densa (HAD na tíbia, no osso parietal, e na resistência óssea. Utilizaram-se 15 ratos Wistar, pesando 250±30 g, com 50 dias de idade. Após a anestesia com quetamina/xilazina IM, produziuse no osso parietal e na epífise proximal da tíbia uma cavidade de 3 mm, sendo implantada a HAD. Após a cirurgia os animais foram divididos em três grupos (n=5: controle (CT, anti-inflamatório não esteroidal (AINES e anti-inflamatório esteroidal (AIES. O grupo AINES foi submetido ao tratamento com cetoprofeno na dose de 12 mg/Kg/dia, o AIES recebeu doses de 0,10 mg/kg/dia de dexametasona o grupo CT recebeu solução fisiológica 0,9% (SF por via subcutânea durante 30 dias. Todos os grupos receberam a mesma dieta sólida e água ad libitum. Após 30 dias de experimento os animais sofreram eutanásia, os fêmures coletados, para teste mecânico, e os locais do implante das tíbias e o osso parietal, para análise histomorfométrica. Os grupos AINES e AIES apresentaram menor volume de osso neoformado na falha óssea e ao redor do implante de HAD , como também, menor força máxima para a ruptura completa dos fêmures, quando comparados com o grupo CT. O uso do cetoprofeno e a dexametasona interferiram na osteogênese ao redor do implante de HAD e no osso parietal, diminuindo a resistência óssea principalmente pela inibição da COX2 e diminuição das prostaglandinas, comprometendo a estabilidade e manutenção do implante.

  2. Evaluation of porous vitreous carbon or silicon implants by radiology in rat's skull Avaliação radiológica de implantes de carbono vítreo poroso ou silicone em crânio de ratos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marcelo Paulo Vaccari-Mazzetti

    2008-06-01

    Full Text Available PURPOSE: Evaluate by CT the use of porous vitreous carbon (PVC and silicon (S implants as the replacement bone in the craniofacial skeleton of rats. METHODS: 40 rats divided in: Group A (n=20 PVC submitted to the implant of a fragment in skull. After the euthanasia, the animals were divided into two subgroups: A I: 10 animals, studied in the 7th postoperative day (P.O and AII: 10 animals, studied in the 28th P.O. In group B, S, 20 rats were submitted to S implant in the skull. All other steps were identical to group A, with designation of subgroups BI and BII. CT with beams in axial cuts of 1 mm thickness to obtain 3-D information It was used Hounsfield scale for evaluate the radio density of the implant. They were used non parametric tests to analyze the results. RESULTS: The 7th PO boss remained in the two groups, but for 28th PO, observed reduction in the volume of the implant in Group A, not observed in group B. CT studies noticed different radio densities around all of S prostheses (pseudo-capsule, that don't appeared in CPV implants. The S has remained unchanged in the CT, but the CPV has had a modification in its radio density (pOBJETIVO: Realizar avaliação através de tomografia computadorizada (TC de implantes de carbono vítreo poroso (CVP e silicone (S para sua utilização na substituição óssea no esqueleto craniofacial de ratos. MÉTODOS: Foram utilizados 40 ratos Wistar divididos em: Grupo A (n=20, implantes subperiostais de CVP no crânio. Após o momento da eutanásia os animais foram divididos em dois subgrupos: A I: 10 animais, estudados no 7(0 dia pós-operatório (PO e AII: 10 animais, estudados no 28(0 PO. No grupo B (n=20, os ratos foram submetidos ao implante de silicone no crânio. Todas outras etapas foram idênticas ao grupo A, com a designação de subgrupos BI e BII. Foi realizada tomografia computadorizada com cortes axiais de 1 mm de espessura para obtenção de imagens tridimensionais. A escala de Hounsfield

  3. Modificaciones en la estructura superficial y la composición química de los implantes dentales de zirconio

    OpenAIRE

    Lazo, Sergio Daniel; Lazo, Gabriel Eduardo; Escudero Giachella, Ezequiel; Bentivenga, N.; Basal, Roxana Lía; Friso, Nélida Ester; Alfaro, Gabriel Enrique; Pazos, Fernando Ezequiel; Cuchetti, Diana; Amaro, Emilio Gustavo; Ivanov, Marcela; Butler, Teresa Adela

    2015-01-01

    El objetivo de este trabajo es mostrar las modificaciones estructurales de superficie y químicas en el diseño de los implantes de zirconio, para mejorar sus propiedades biodontológicas. Para el desarrollo del mismo se utilizaron 20 implantes de zirconio con el agregado de itrio, de 5 mm de diámetro y aproximadamente 9 mm de largo. Los implantes fueron elaborados por el método de CAD CAM, con doble coc ción durante el sinterizado. Posteriormente se observó la estructura superficial con la medi...

  4. Evaluation of an IBAD thin-film process as an alternative method for surface incorporation of bioceramics on dental implants: a study in dogs Avaliação de um recobrimento de baixa espessura processado pela deposição assistida por feixe iônico como alternativa para a incorporação de biocerâmicas em implantes dentários: estudo em cães

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Paulo G. Coelho

    2005-03-01

    Full Text Available Thin-film bioceramic coatings are potential alternatives to overcome the limitations provided by other commercially available coating techniques like PSHA, where variable bioceramic dissolution added to a metalloceramic weak link are process- inherent. The purpose of this investigation was to determine the overall and site specific (to 0.5 mm from implant surface levels of osseoactivity around a thin-film (IBAD processed coated titanium alloy implant versus a non surface modified (sand-blasted/acid etched titanium alloy implant in a canine model. The surgical model comprised the proximal tibiae epiphyses with four implants placed in each limb remaining for 2 and 4 weeks in-vivo. 10 mg/Kg oxytetracycline was administered 48 hours prior to euthanization. The limbs were retrieved by sharp dissection, reduced to blocks, and subsequently nondecalcified processed for fluorescent microscopy. Micrographs (20x mag were acquired around the implant perimeter and merged for overall biological response evaluations, and four micrographs (40x mag. subdivided in rectangles were acquired along one of the implant sides for tetracycline labeled area fraction quantification. The results showed biocompatible and osseoconductive properties for the thin-film coated and uncoated titanium alloy implants. Tetracycline labeled area fraction analyses showed that the thin-film coated implants presented significantly higher overall and site specific osseoactivity levels at 2 and 4 weeks. The site specific osseoactivity values were significantly higher compared to overall values for control and thin-film coated implants at both times in-vivo. According to the results obtained in this study, thin-film coated implants enhanced biological response at the early implantation times evaluated.Recobrimentos biocerâmicos de baixa espessura são potenciais alternativas para compensar as limitações de outros recobrimentos biocerâmicos disponíveis comercialmente como o plasma spray

  5. Via póstero-lateral unilateral para cifoplastia percutánea con balón Acesso póstero-lateral unilateral para cifoplastia percutânea com balão Posterolateral unilateral approach for percutaneous baloon kyphoplasty

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Daniel Oscar Ricciardi

    2013-01-01

    Full Text Available Esta experiencia ha sido realizada en el Hospital Alvarez de Buenos Aires, Argentina en pacientes tratados por el Equipo de Columna Vertebral. El autor ha modificado el método original de punción descrito por Valls y Ottolenghi, lo que permite ubicar al paciente en decúbito lateral y prescinde del instrumental descrito originalmente, como spider y guía que se utilizaban con equipos de rayos X convencionales. El presente trabajo pretende describir en detalle la técnica aplicada para efectuar la cifoplastía con balón en vértebras torácicas y lumbares por vía póstero-lateral extrapedicular unilateral bajo anestesia local infiltrativa.Esta experiência foi realizada no Hospital Alvarez de Buenos Aires, Argentina, em pacientes tratados pela Equipe de Coluna Vertebral, que tenho a honra de liderar. O autor modificou o método original de punção descrito por Valls e Ottolenghi, o que permite colocar o paciente em decúbito lateral prescindindo da instrumentação originalmente descrita, tal como spider e fio-guia que eram utilizados com equipamento de raios-X convencional. Este trabalho tem como objetivo descrever em detalhes a técnica utilizada para realizar cifoplastia com balão em vértebras torácicas e lombares por acesso póstero-lateral extrapedicular unilateral com anestesia local por infiltração.This experiment was performed at the Hospital Alvarez from Buenos Aires, Argentina, in patients treated by the Spine Team, which I have the honor to lead. The author modified the original puncture method described by Valls and Ottolenghi, which allows accommodating the patient in the lateral position dispensing the instrumentation originally described like spider and guide wires that were used with X-ray conventional. This paper aims to describe in detail the technique used to perform balloon kyphoplasty for thoracic and lumbar vertebrae by posterolateral extrapedicular unilateral approach with local anesthesia by infiltration.

  6. Análise de custos entre a raquianestesia e a anestesia venosa com propofol associada ao bloqueio perianal local em operações anorretais Cost analysis between spinal and venous anesthesia with propofol associated with local perianal block in anorectal procedures

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Paulo Gustavo Kotze

    2009-09-01

    Full Text Available RACIONAL: Atualmente cerca de 90% das operações anorretais podem ser realizadas em regime ambulatorial. A técnica anestésica é fator fundamental na busca de menor tempo de internamento e redução de custos nestes procedimentos. Não há consenso na literatura sobre qual o melhor tipo de anestesia para essas operações. OBJETIVO: Comparar os custos da técnica de raquianestesia com bupivacaína 0,5% isobárica com a técnica de anestesia venosa com propofol associada ao bloqueio perianal local com lidocaína a 2% e bupivacaína 0,5% (anestesia combinada em pacientes submetidos a operações anorretais. MÉTODOS: Foram analisados dados de 99 pacientes submetidos à operações anorretais, divididos em dois grupos: grupo I (raquianestesia, composto por 50 pacientes e grupo II (anestesia combinada, composto por 49 pacientes. Foram estudados os procedimentos cirúrgicos, tempo de procedimento anestésico-cirúrgico, tempo de internamento e custos globais de cada paciente. RESULTADOS: Não houve diferença estatística significativa entre os grupos estudados em relação ao tipo de procedimento cirúrgico, sexo, idade e complicações. O tempo médio do procedimento anestésico-cirúrgico, no grupo I foi de 53,1 minutos e de 44,08 minutos no grupo II (P=0,034. O tempo médio de internamento foi de 19,68 horas no grupo I e de 7,08 horas no grupo II (PBACKGROUND: Approximately ninety percent of anorectal surgical procedures are performed in ambulatory basis. The choice of a proper anesthetic technique is important to achieve shorter hospital stay and low costs. There's no evidence in the literature that an ideal type of anesthesia for these procedures exists. AIM: To compare the costs of patients operated with spinal anesthesia (0,5% bupivacaine with combined anesthesia (propofol and local perineal block with 2% lidocaine and 0,5% bupivacaine in anorectal surgical procedures. METHODS: Data from 99 patients submitted to anorectal operations were

  7. Implantes dentales en pacientes adultos postrauma dentoalveolar. Estudio descriptivo

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Edgardo González

    2016-04-01

    Conclusiones: En este estudio se presenta un protocolo establecido y se establece la necesidad de un diagnóstico detallado para planificar la rehabilitación mediante implantes dentales posterior a un trauma con un equipo multidisciplinario.

  8. Validación del Protocolo para el Estudio de la Hemorragia Uterina Anormal con Ecografía endovaginal y medio de Contraste (Sonohisterografía.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ricardo Rueda Saenz

    2003-08-01

    Full Text Available

    La evaluación del sangrado uterino anormal (SUA especialmente en los años postreproductivos, convencionalmente se hace recurriendo a las biopsias y aspiraciones endometriales ciegas en el consultorio, o al curetaje uterino bajo anestesia general. Dichos procedimientos, además de ser invasivos, han mostrado ser poco sensibles y específicos en la detección y el tratamiento de la patología focal del endometrio (pólipos, leiomiomas submucosos, y además pueden resultar costosos. Con el advenimiento de la histeroscopia, se han obviado muchas de las dificultades atribuidas a la biopsia ciega y el curetaje uterino, pero aquella, además de requerir un entrenamiento específico y un equipo costoso, requiere de anestesia local o general, en ocasiones dilatación del cervix y en muchas instancias arroja resultados negativos.

    De otro lado, la histeroscopia sólo permite evaluar el canal cervical y la cavidad endometrial, sin poder visualizar la pared miometrial, los anexos y otras estructuras pélvicas, lo cual desvirtúa su uso en una gran proporción de pacientes como investigación inicial rutinaria en el sangrado uterino anormal.

    La utilización de la ecografía transvaginal con contraste líquido (sonohisterografía o histerosonografía permite, por el contrario, no solamente una evaluación precisa y detallada del canal cervical y la cavidad endometrial, sino que permite evaluar la pared miometrial, los ovarios y otras estructuras pélvicas, así como la permeabilidad de las trompas uterinas.

    Este procedimiento tiene además un bajo costo, no requiere de entrenamiento especial, tampoco de anestesia ni de dilatación cervical y tiene bajas tasas de complicaciones. Con la sonohisterografía se pueden seleccionar en forma eficiente y rápida, las mujeres que realmente se benefician de una histeroscopia diagnóstica-operatoria o de una biopsia endometrial ciega de consultorio para evaluar el SUA.

    El presente estudio

  9. Rehabilitación implantosoportada en el colgajo libre de peroné Implant-supported rehabilitation using the fibula free flap

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    C. Navarro Cuéllar

    2006-10-01

    Full Text Available El colgajo de peroné ha demostrado ser el más versatil para la reconstrucción oromandibular, gracias a la gran longitud ósea que podemos utilizar y a la posibilidad de incorporar una amplia paleta cutánea para cobertura de tejidos blandos intraorales. El uso de implantes dentales osteointegrados proporciona un importante método terapéutico para la rehabilitación oral de estos pacientes. Los implantes osteointegrados proporcionan la forma más rígida de estabilización protésica para soportar las fuerzas masticatorias. Estos implantes pueden ser insertados de forma inmediata o diferida. A la hora de utilizar el colgajo libre de peroné realizamos la implantología de forma diferida a los 6-12 meses debido a la gran cantidad de material de osteosíntesis necesaria para la fijación del colgajo. Cuatro o seis meses después, cuando el proceso de osteointegración ha ocurrido, los implantes son cargados con una rehabilitación dental. Analizamos 12 casos de reconstrucción mandibular con colgajo libre de peroné y su rehabilitación estética y funcional con implantes osteointegrados y un seguimiento mínimo de 2 años. Se han colocado un total de 56 implantes, presentando todos ellos excepto uno, una correcta osteointegración. Todos estos pacientes han recuperado la función masticatoria, y mejorado de forma considerable la competencia labial, la continencia salival, la pronunciación y la armonía facial.Free fibula flap has proved to be one of the most versatile for oromandibular reconstruction due to the available length of bone and the possibility of incorporating a long skin paddle to cover intraoral soft tissues. The use of osseointegrated dental implants is an important technique for the oral rehabilitation of these patients. Osseointegrated implants provide the most rigid prosthetic stabilization available to withstand masticatory forces.These implants can be placed immediately or in a second time procedure.In our case

  10. Implante coclear e síndrome do aqueduto vestibular alargado em crianças Cochlear implant and large vestibular aqueduct syndrome in children

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Trissia Maria Farah Vassoler

    2008-04-01

    Full Text Available Crianças com SAVA podem ter deficiências auditivas moderadas a severas durante fases precoces da infância, porém sua audição residual permite que elas desenvolvam linguagem oral com aparelhos auditivos convencionais e possam estar completamente integradas a condições escolares regulares. Contudo, estas crianças apresentam uma deterioração de sua habilidade auditiva com o decorrer do tempo e o implante coclear está sendo utilizado como uma opção para manter a habilidade auditiva. OBJETIVO: Avaliação da habilidade auditiva de 3 crianças com SAVA submetidas a implante coclear. MATERIAIS: Estudo retrospectivo baseado em revisão de prontuários. RESULTADOS: Em reconhecimento de palavras em campo aberto paciente 1, 80%, paciente 2, 87,5%, paciente 3, 4%. CONCLUSÃO: Os pacientes com aqueduto vestibular alargado são considerados bons candidatos para implante coclear pelos principais centros de implante coclear do mundo, por desenvolverem, em sua maioria, bons resultados de percepção de fala, o que leva estes pacientes a uma boa inserção social.Children with LVAS can develop a severe sensorineural hearing loss early in childhood, but they can be rehabilitated with hearing aids to continue their regular studies and to have a normal life. The problem is that they can deteriorate their hearing capacity, and at this point a cochlear implant can be used to preserve their hearing skills and vocalization. AIM: to evaluate the hearing skills of 3 children with LVAS referred to cochlear implants. MATERIAL: retrospective study based on medical charts' review. RESULTS: Speech recognition in open field: patient 1, 80%; patient 2, 87.5%; patient 3, 4 %. CONCLUSION: Children with LVAS are considered good candidates for Cochlear implant surgery by the most important centers of the world because most of them can develop good speech recognition, providing them a good social life.

  11. In vitro cell culture, platelet adhesion tests and in vivo implant tests of plasma-polymerized para-xylene films

    Energy Technology Data Exchange (ETDEWEB)

    Chou, Chia-Man [Department of Surgery, Taichung Veterans General Hospital, Taiwan, ROC (China); National Yang-Ming University, Taipei, Taiwan, ROC (China); Yeh, Chou-Ming, E-mail: cmchou4301@gmail.com [Taichung Hospital, Department of Health, Executive Yuan, Taiwan, ROC (China); Chung, Chi-Jen [Department of Dental Technology and Materials Science, Central Taiwan University of Science and Technology, Taiwan, ROC (China); He, Ju-Liang [Department of Materials Science and Engineering, Feng Chia University, Taiwan, ROC (China)

    2013-09-01

    Plasma-polymerized para-xylene (PPX) was developed in a previous study by adjusting the process parameters: pulse frequency of the power supply (ω{sub p}) and para-xylene monomer flow rate (f{sub p}). All the obtained PPX films exhibit an amorphous structure and present hydrophobicity (water contact angle ranging from 98.5° to 121.1°), higher film growth rate and good fibroblast cell proliferation. In this study, in vitro tests (fibroblast cell compatibility and platelet adhesion) and an in vivo animal study were performed by using PPX deposited industrial-grade silicone sheets (IGS) and compared with medical-grade silicone ones (MS), which were commonly manufactured into catheters or drainage tubes in clinical use. The results reveal that PPX deposited at high ω{sub p} or high f{sub p}, in comparison with MS, exhibit better cell proliferation and clearly shows less cell adhesion regardless of ω{sub p} and f{sub p}. PPX also exhibit a comparatively lower level of platelet adhesion than MS. In the animal study, PPX-coated IGS result in similar local tissue responses at 3, 7 and 28 days (short-term) and 84 days (long-term) after subcutaneous implantation the abdominal wall of rodents compared with respective responses to MS. These results suggest that PPX-coated industrial-grade silicone is one alternative to high cost medical-grade silicone.

  12. In vitro cell culture, platelet adhesion tests and in vivo implant tests of plasma-polymerized para-xylene films

    International Nuclear Information System (INIS)

    Chou, Chia-Man; Yeh, Chou-Ming; Chung, Chi-Jen; He, Ju-Liang

    2013-01-01

    Plasma-polymerized para-xylene (PPX) was developed in a previous study by adjusting the process parameters: pulse frequency of the power supply (ω p ) and para-xylene monomer flow rate (f p ). All the obtained PPX films exhibit an amorphous structure and present hydrophobicity (water contact angle ranging from 98.5° to 121.1°), higher film growth rate and good fibroblast cell proliferation. In this study, in vitro tests (fibroblast cell compatibility and platelet adhesion) and an in vivo animal study were performed by using PPX deposited industrial-grade silicone sheets (IGS) and compared with medical-grade silicone ones (MS), which were commonly manufactured into catheters or drainage tubes in clinical use. The results reveal that PPX deposited at high ω p or high f p , in comparison with MS, exhibit better cell proliferation and clearly shows less cell adhesion regardless of ω p and f p . PPX also exhibit a comparatively lower level of platelet adhesion than MS. In the animal study, PPX-coated IGS result in similar local tissue responses at 3, 7 and 28 days (short-term) and 84 days (long-term) after subcutaneous implantation the abdominal wall of rodents compared with respective responses to MS. These results suggest that PPX-coated industrial-grade silicone is one alternative to high cost medical-grade silicone.

  13. Da-Cruz Triple Tool: cómo hacer simple y precisa la cirugía de implante glúteo intramuscular

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luis Da-Cruz

    Full Text Available El Da-Cruz Triple Tool es un instrumento multifuncional diseñado para la colocación de implantes glúteos intramusculares. Tiene 3 funciones; a saber: disector, separador y medidor. Consiste en 2 piezas para su uso articulado o por separado. Como disector logra la profundidad y el grosor deseables del músculo glúteo mayor a través de maniobras precisas que provocan menos trauma; por consiguiente, ayuda a obtener una mejor recuperación y resultados. Al mismo tiempo faculta para elevar los espacios abiertos y controlar adherencias o sangrados. La función de medidor permite calcular la dimensión cefalocaudal y la anchura del espacio para escoger el implante adecuado. Con el entrenamiento adecuado en el uso de esta herramienta y la implementación de medidas pre, trans y postoperatorias bien definidas, cualquier cirujano plástico puede obtener resultados consistentemente exitosos en la colocación de implantes glúteos intramusculares.

  14. Aplicación del shot peening en implantes dentales de titanio para la mejora de la osteointegración

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Aparicio, C.

    1998-05-01

    Full Text Available In order to optimize the implant-bone fixation, different shot peening treatments with different shot particles (TiO2, Al2O3 y SiC. La rugosidad, SiC have been made. The influence that each type of shot particle has in the bone colonization on the different treatment surfaces has been determined by means of osteoblast-like cells culture. Commercially pure titanium discs have been shot peened. Their qualitative and quantitative surface roughness have been characterized; as well as their surface contamination caused by the shot particles. Particle size has also been determined, before and after the treatment, in order to evaluate their breaking averages. Finally, a TiO2 shot particles manufacture process by sintering has been developed. The manufacture has been necessary since this type of shot particles are not available in the market with the adequate size.

    Con el propósito de optimizar la fijación entre el implante y el hueso, se han realizado tratamientos de shot peening con distintos tipos de partículas de proyección: TiO2, Al2O3 y SiC. La rugosidad superficial obtenida será colonizada por hueso neoformado que producirá un anclaje implante-hueso. Para valorar la influencia que cada tipo de material abrasivo tiene en la colonización del hueso sobre las superficies tratadas, se han realizado ensayos in vitro de cultivos osteoblásticos. El shot peening se ha llevado a cabo en discos de titanio comercialmente puro, sobre los que se ha caracterizado cuantitativa y cualitativamente la rugosidad después del tratamiento; así como la contaminación de la superficie por las partículas. También se ha determinado el tamaño de las partículas, antes y después del tratamiento, para valorar sus porcentajes de rotura. Finalmente, se ha propuesto un proceso de fabricación de partículas de TiO2 por sinterización en el laboratorio

  15. Estudo clínico de um sistema cardioversor-desfibrilador implantável que apresenta limiares de desfibrilação baixos usando eletrodos de estrutura fractal Clinical studies of an implantable cardioversor - defibrillators system providing low defibrillation thresholds as well as high signal amplitudes due to fractal coated electrodes

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fernando A. LUCCHESE

    1999-01-01

    Full Text Available Em função do contínuo desenvolvimento tecnológico, a geração atual de cardioversores-desfibriladores implantáveis (CDI garante um alto grau de segurança e eficiência na detecção e reversão de taquiarritmias ventriculares. O presente trabalho sumariza os resultados clínicos obtidos com 1058 CDI de câmara única (Phylax 6, Phylax XM, Biotronik utilizando eletrodo único e tecnologia de carcaça ativa, SPS e Kainox RV (com uma mola intracavitária de choque, SL-ICD e Kainox SL (com duas molas intracavitárias de choque, Biotronik. Na quase totalidade dos pacientes, com exceção de 3 (> 99%, foram obtidos limiares de desfibrilação com baixa energia usando apenas um eletrodo transvenoso. Isto tem permitido substituir o teste de limiar de desfibrilação usual por um teste simples durante o implante, afim de minimizar os riscos associados com repetidas induções de fibrilação e conseqüente extensão do período de anestesia.Due to continuously improved technologies, the present generation of implantable cardioverter-defibrillators (ICD guarantees a high degree of safety and efficacy for detecting and terminating ventricular tachyarrhythmias. This paper summarizes the clinical results obtained with 1058 single-chamber ICD (Phylax 6, Phylax XM, Biotronik employing single-lead and active housing technology (SPS and Kainox RV (single coil, SL-ICD and Kainox SL (double coil, Biotronik. In all but 3 patients (> 99%, reliable low-energy defibrillation was achieved using transvenous leads only. This has led to the trend to replace DFT testing by a short function test during implantation in order to minimize the risks associated with repeated induction of fibrillation and extended anesthesia.

  16. Telemetria de resposta neural intra-operatória em usuários de implante coclear Neural response telemetry measures in patients implanted with Nucleus 24®

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Mariana Cardoso Guedes

    2005-10-01

    Full Text Available A possibilidade de realizar o implante coclear em crianças pequenas torna necessário o uso de medidas objetivas para auxiliar a programação do processador de fala. Telemetria é a propriedade que permite, no Nucleus 24®, a obtenção do potencial de ação composto evocado do VIII par (EAP utilizando o implante como instrumento de estimulação e gravação para o estudo das propriedades neurais remanescentes. OBJETIVO: Descrever a utilização do sistema de telemetria para a gravação do EAP, caracterizando as respostas obtidas e a sua prevalência na condição intraoperatória. FORMA DE ESTUDO: clínico com coorte transversal. MATERIAL E MÉTODO: Medidas das impedâncias dos eletrodos e do EAP em um grupo de 17 indivíduos usuários do implante Nucleus 24® durante a cirurgia. Análise das respostas de acordo com a etiologia, o tempo de duração da surdez e a posição dos eletrodos dentro da cóclea. RESULTADOS: Maior prevalência nos eletrodos apicais e limiares mais elevados nos casos de meningite e otosclerose. CONCLUSÃO: A telemetria é eficiente para a verificação da integridade dos eletrodos na condição intraoperatória e para a gravação do EAP, apresentando alta prevalência na população estudada.Cochlear implantation has been recommended for children under 24 months of age. The use of objective measures is needed to help speech processor programming. The electrically evoked compound potential (EAP, which can be assessed by neural response telemetry (NRT, is one of those objective measures. AIM: to determine how often the EAP can be recorded by NRT system during surgery and to describe the responses. STUDY DESIGN: clinical with transversal cohort. MATERIAL AND METHOD: the impedances and NRT were measured in a group of 17 Nucleus 24 ® implant users. The responses were analyzed and compared to the etiology, hearing loss duration and electrode array position. RESULTS: The EAP was easily recorded in the apical electrodes

  17. A importancia do reflexo estapedico evocado eletricamente no implante coclear

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Kelly Cristina Lira de Andrade

    2014-01-01

    Full Text Available Introdução: A determinação da área dinâmica do implante coclear é um dos procedimentos mais importantes em sua programação. O uso de medidas objetivas, em especial a do limiar do reflexo estapédico evocado eletricamente, pode contribuir para a definição deste campo, principalmente em crianças ou em indivíduos com múltiplos comprometimentos, pois fornecem valores específicos que servem como base no início da programação do implante coclear. Objetivo: Verificar por meio de uma revisão a utilização do limiar do reflexo estapédico evocado eletricamente durante o processo de ativação e de mapeamento do implante coclear. Métodos: Levantamento bibliográfico nas plataformas Pubmed e Bireme e nas bases de dados MedLine, LILACS e SciELO, com buscas padronizadas até setembro de 2012, utilizando-se palavras-chave. Para a seleção e avaliação dos estudos científicos levantados, foram estabelecidos critérios, contemplando os seguintes aspectos: autor, ano/local, grau de recomendação/nível de evidência científica, objetivo, amostra, faixa etária, média de idade em anos, testes avaliativos, resultados e conclusão. Resultados: Dos 7.304 artigos encontrados, 7.080 foram excluídos pelo título, 152 pelo resumo, 17 pela leitura do artigo, 43 eram repetidos e 12 foram selecionados para o estudo. Conclusão: O reflexo estapédico evocado eletricamente é capaz de auxiliar na programação do implante coclear, principalmente em pacientes que apresentam respostas inconsistentes.

  18. Analgesia regional periférica com lidocaína em paciente queimado: relato de caso

    OpenAIRE

    Geier, Karl Otto

    2004-01-01

    JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: A realização de anestesia regional em pacientes queimados é dificultosa pela localização aleatória das lesões térmicas. Elevadas taxas de alfa1 glicoproteína ácida com grande afinidade para drogas alcalinas, especialmente a lidocaína, têm sido observadas nesses pacientes. Este caso relata como o uso intermitente de anestesia e analgesia regional periférica com altas doses de lidocaína podem ser úteis em fornecer efetiva analgesia num paciente com queimaduras de segu...

  19. Importância do treinamento de residentes em eventos adversos durante anestesia: experiência com o uso do simulador computadorizado Importancia del entrenamiento de los practicantes (médicos en ejercicio en eventos adversos durante la anestesia: experiencia con el uso del simulador computadorizado Importance of critical events training for anesthesiology residents: experience with computer simulator

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Domingos Dias Cicarelli

    2005-04-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: Em decorrência da grande evolução da monitorização e do arsenal terapêutico disponível nos últimos anos, houve uma redução na incidência de eventos adversos durante procedimentos anestésicos. Porém, continua importante o treinamento dos médicos residentes para este tipo de ocorrência. O objetivo deste estudo foi avaliar o desempenho prático do residente de Anestesiologia em eventos adversos durante uma anestesia simulada. MÉTODO: Foram avaliados 17 médicos em especialização do primeiro e segundo anos de Anestesiologia (ME1 e ME2 e 5 instrutores do Centro de Ensino e Treinamento (CET do HCFMUSP (Título Superior em Anestesiologia - TSA. Foi utilizado o simulador computadorizado Anesthesia Simulator Consultant (ASC versão 2.0 - 1995/Anesoft para realização das simulações dos eventos. Os incidentes críticos escolhidos foram fibrilação ventricular (FV e choque anafilático. Após a realização da simulação, foram impressos os resultados de cada participante e avaliadas e pontuadas as condutas adotadas para resolver os incidentes críticos pré-determinados. Os participantes avaliaram o simulador através do preenchimento de um questionário. RESULTADOS: Não houve diferença estatística entre as médias obtidas pelos grupos, porém notou-se uma tendência de melhor desempenho dos grupos TSA e ME2 na simulação de FV. Com relação ao choque anafilático, houve uma tendência de melhor desempenho do grupo TSA. CONCLUSÕES: O treinamento para diagnóstico e condutas em eventos adversos deve ser foco de atenção durante o treinamento de médicos residentes e na atualização de anestesiologistas. O uso do simulador pode ser uma das formas de realizar o treinamento nestas situações.JUSTIFICATIVA Y OBJETIVOS: Con la decurrencia de la grande evolución de la monitorización y del arsenal terapéutico disponible en los últimos años, hubo una reducción en la incidencia de eventos adversos

  20. Implante orbital misto para reconstrução de cavidade anoftálmica: relato de caso Miscellaneous orbital implant for anophthalmic cavity reconstruction surgery: case report

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Davi Araf

    2010-02-01

    Full Text Available Apresentamos um novo modelo de implante orbital unindo o baixo custo da esfera de luxite (PMMA com as vantagens da utilização do polietileno poroso (Porex®. O novo modelo consiste de uma esfera de luxite na qual em sua face anterior foi colocado um recorte de dura-máter do mesmo diâmetro da esfera, e na face posterior um recorte de polietileno poroso foi anexado à esfera de luxite por meio de cola (Cianoacrilato estéril. A dura-máter foi fixada ao polietileno poroso por meio de suturas com fio nylon monofilamentar 6.0. Foi realizada cirurgia em um paciente que já havia tido extrusão anterior do implante em um dos olhos, sendo este avaliado em seu pós-operatório imediato, 7º, 15º, 30º dia, além de 3 e 6 meses de pós-operatório quando foi avaliado por meio de tomografia computadorizada. Observou-se bom resultado cosmético, de mobilidade e de volume após adaptação da prótese escleral, não havendo nenhum sinal de infecção, migração ou extrusão do implante até o momento. O caso nos mostrou ser possível a utilização de um implante orbital mais acessível economicamente com resultados semelhantes aos dos implantes biointegráveis.A new model of orbital implant, matching the low cost of acrylic implants (PMMA with the advantages of medpor (Porex® is presented herein. The new implant model consists of a PMMA implant with a dura mater scrap adhered on its anterior face of the same diameter of the acrylic implant and a medpor snip adhered on its posterior face by sterile cyanoacrylate. Dura mater was fixed to medpor with 6.0 mononylon. One patient who presented previous extrusion of the implant was submited to surgery and was evaluated on the 1st, 7th, 15th, 30th postoperative days, and 3 and 6 months after surgery when a computed tomography was performed. A good cosmetic, mobility and volume result was noted after an escleral prosthesis was adapted, with no infection, migration or extrusion of the implant until this

  1. Sistema de fabrico rápido de implantes ortopédicos Rapid manufacturing system of orthopedics implants

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Carlos Relvas

    2009-06-01

    Full Text Available Este estudo teve como objectivo o desenvolvimento uma metodologia de fabrico rápido de implantes ortopédicos, em simultaneidade com a intervenção cirúrgica, considerando duas potenciais aplicações na área ortopédica: o fabrico de implantes anatomicamente adaptados e o fabrico de implantes para substituição de perdas ósseas. A inovação do trabalho desenvolvido consiste na obtenção in situ da geometria do implante, através da impressão directa de um material elastomérico (polivinilsiloxano que permite obter com grande exactidão a geometria pretendida. Após digitalização do modelo obtido em material elastomérico, o implante final é fabricado por maquinagem recorrendo a um sistema de CAD/CAM dedicado. O implante após esterilização, pode ser colocado no paciente. O conceito foi desenvolvido com recurso a tecnologias disponíveis comercialmente e de baixo custo. O mesmo foi testado sob a forma de uma artroplastia da anca realizada in vivo numa ovelha. O acréscimo de tempo de cirurgia foi de 80 minutos sendo 40 directamente resultantes do processo de fabrico do implante. O sistema desenvolvido revelou-se eficiente no alcance dos objectivos propostos, possibilitando o fabrico de um implante durante um período de tempo perfeitamente compatível com o tempo de cirurgia.This study, aimed the development of a methodology for rapid manufacture of orthopedic implants simultaneously with the surgical intervention, considering two potential applications in the fields of orthopedics: the manufacture of anatomically adapted implants and implants for bone loss replacement. This work innovation consists on the capitation of the in situ geometry of the implant by direct capture of the shape using an elastomeric material (polyvinylsiloxane which allows fine detail and great accuracy of the geometry. After scanning the elastomeric specimen, the implant is obtained by machining using a CNC milling machine programmed with a dedicated CAD

  2. Angioplastia del seno coronario en el implante de electrodo del ventrículo izquierdo Angioplasty of coronary sinus in left ventricle electrode implant

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Alejandro Orjuela

    2011-07-01

    Full Text Available Con el incremento de implantes de dispositivos de estimulación cardíaca en pacientes con miocardiopatía dilatada, el diseno día a día más sofisticado de los mismos para satisfacer los requerimientos de los pacientes con cambios anatómicos que surgen como consecuencia de la misma dilatación cardíaca, tales como modificaciones en el calibre, curso, longitud y número de venas coronarias, cada vez se encuentran mayores dificultades para lograr los objetivos anatómicos, en particular el sitio ideal de posicionamiento del electrodo de estimulación ventricular izquierda en el seno coronario. Esta situación limita, en algunos casos, el beneficio terapéutico de esta técnica, viéndose, en ocasiones, en la necesidad de someter al paciente a toracotomía para posicionar el electrodo en el epicardio posterolateral del ventrículo izquierdo. Es así como, con el objetivo de abreviar los tiempos y la morbimortalidad e incrementar el éxito del implante, se disenó una estrategia basada en la técnica de hemodinámica para vencer las obstrucciones de las arterias coronarias y lograr, mediante angioplastia de las estrecheces del seno coronario, un abordaje más preciso a un determinado vaso epicárdico preseleccionado. Se describe la técnica usada en la angioplastia del seno coronario para este propósito.The design of devices of cardiac stimulation in patients with dilated cardiomyopathy has become more sophisticated due to the increment of its implantation, devices that must satisfy the requirements for patients with anatomical changes that appear as a consequence of the cardiac dilation such as caliber modifications, course, length and number of coronary veins. Every time is more difficult to achieve the anatomical objectives, particularly the ideal place for the left ventricular stimulation electrode position in the coronary sinus. This situation limits in some cases the therapeutical benefit of this technique, occasionally facing to the

  3. Composite implants coated with biodegradable polymers prevent stimulating tumor progression

    Energy Technology Data Exchange (ETDEWEB)

    Litviakov, N. V., E-mail: nvlitv72@yandex.ru; Tsyganov, M. M., E-mail: TsyganovMM@yandex.ru; Cherdyntseva, N. V., E-mail: nvch@oncology.tomsk.ru [Tomsk Cancer Research Institute, Tomsk, 634050 (Russian Federation); National Research Tomsk State University, Tomsk, 634050 (Russian Federation); Tverdokhlebov, S. I., E-mail: tverd@tpu.ru; Bolbasov, E. N., E-mail: ebolbasov@gmail.com [National Research Tomsk Polytechnic University, Tomsk, 634050 (Russian Federation); Perelmuter, V. M., E-mail: pvm@ngs.ru; Kulbakin, D. E., E-mail: kulbakin2012@gmail.com [Tomsk Cancer Research Institute, Tomsk, 634050 (Russian Federation); Zheravin, A. A., E-mail: zheravin2010@yandex.ru [Tomsk Cancer Research Institute, Tomsk, 634050 (Russian Federation); Academician E.N. Meshalkin Novosibirsk State Research Institute of Circulation Pathology, Novosibirsk (Russian Federation); Svetlichnyi, V. A., E-mail: v-svetlichnyi@bk.ru [National Research Tomsk State University, Tomsk, 634050 (Russian Federation)

    2016-08-02

    In this experiment we studied oncologic safety of model implants created using the solution blow spinning method with the use of the PURASORB PL-38 polylactic acid polymer and organic mineral filler which was obtained via laser ablation of a solid target made of dibasic calcium phosphate dihydrate. For this purpose the implant was introduced into the area of Wistar rats’ iliums, and on day 17 after the surgery the Walker sarcoma was transplanted into the area of the implant. We evaluated the implant’s influence on the primary tumor growth, hematogenous and lymphogenous metastasis of the Walker sarcoma. In comparison with sham operated animals the implant group demonstrated significant inhibition of hematogenous metastasis on day 34 after the surgery. The metastasis inhibition index (MII) equaled 94% and the metastases growth inhibition index (MGII) equaled 83%. The metastasis frequency of the Walker sarcoma in para aortic lymph nodes in the implant group was not statistically different from the control frequency; there was also no influence of the implant on the primary tumor growth noted. In case of the Walker sarcoma transplantation into the calf and the palmar pad of the ipsilateral limb to the one with the implant in the ilium, we could not note any attraction of tumor cells to the implant area, i.e. stimulation of the Walker sarcoma relapse by the implant. Thus, the research concluded that the studied implant meets the requirements of oncologic safety.

  4. Composite implants coated with biodegradable polymers prevent stimulating tumor progression

    International Nuclear Information System (INIS)

    Litviakov, N. V.; Tsyganov, M. M.; Cherdyntseva, N. V.; Tverdokhlebov, S. I.; Bolbasov, E. N.; Perelmuter, V. M.; Kulbakin, D. E.; Zheravin, A. A.; Svetlichnyi, V. A.

    2016-01-01

    In this experiment we studied oncologic safety of model implants created using the solution blow spinning method with the use of the PURASORB PL-38 polylactic acid polymer and organic mineral filler which was obtained via laser ablation of a solid target made of dibasic calcium phosphate dihydrate. For this purpose the implant was introduced into the area of Wistar rats’ iliums, and on day 17 after the surgery the Walker sarcoma was transplanted into the area of the implant. We evaluated the implant’s influence on the primary tumor growth, hematogenous and lymphogenous metastasis of the Walker sarcoma. In comparison with sham operated animals the implant group demonstrated significant inhibition of hematogenous metastasis on day 34 after the surgery. The metastasis inhibition index (MII) equaled 94% and the metastases growth inhibition index (MGII) equaled 83%. The metastasis frequency of the Walker sarcoma in para aortic lymph nodes in the implant group was not statistically different from the control frequency; there was also no influence of the implant on the primary tumor growth noted. In case of the Walker sarcoma transplantation into the calf and the palmar pad of the ipsilateral limb to the one with the implant in the ilium, we could not note any attraction of tumor cells to the implant area, i.e. stimulation of the Walker sarcoma relapse by the implant. Thus, the research concluded that the studied implant meets the requirements of oncologic safety.

  5. Anestesia por isofluorano em eqüinos submetidos à infusão contínua de medetomidina ou xilazina

    OpenAIRE

    Dória,Renata Gebara Sampaio; Valadão,Carlos Augusto Araújo; Canola,Paulo Aléscio; Guirro,Érica Cristina Bueno do Prado; Mendes,Marina Ceccato; Escobar,André; Ribeiro,Gesiane; Natalini,Cláudio Côrrea

    2009-01-01

    Avaliaram-se oito eqüinos sob anestesia geral inalatória com isofluorano (1CAM) e infusão contínua de xilazina (0,35mg kg-1h-1) ou medetomidina (3,5µg kg-1h-1), em relação à freqüência cardíaca, ritmo cardíaco, freqüência respiratória, pressão arterial, hemogasometria arterial e temperatura, nos tempos T0 (imediatamente antes do início da infusão contínua) e T10 ao T60 (intervalos de 10 minutos, após início da infusão contínua). Houve redução da freqüência cardíaca e da temperatura e el...

  6. Síndrome de Horner y bloqueo del plexo braquial ipsilateral en un caso de analgesia epidural para el trabajo del parto Horner´s sydrome and ipsilateral brachial plexus block during an epidural analgesia labour procedure

    OpenAIRE

    J. Avellanosa; J. Vera; P. Morillas; E. Gredilla; F. Gilsanz

    2006-01-01

    El Síndrome de Horner es una complicación de la anestesia epidural que aparece más frecuentemente en pacientes obstétricas debido a los cambios fisiológicos y anatómicos propios del embarazo; sin embargo, su incidencia es baja, y sólo se han descrito dos casos previos asociando un bloqueo del plexo braquial. Presentamos el caso de una gestante de 23 años que precisó analgesia epidural para el trabajo de parto. Tras comprobar la correcta colocación del catéter se administró una dosis inicial e...

  7. Implantes cono Morse con sistema de indexación interno: Descripción del caso clínico Morse taper interface with prosthetic index: Clinical case presentation

    OpenAIRE

    G Thomé; SR Bernardes; CG Castro; AL Golin; IAM Sartori

    2011-01-01

    El empleo de implantes cono Morse con indexadores para instalación con torque interno sería una opción interesante para el diseño de un implante dentario, que incluso podría traer más opciones protéticas a ese sistema ya que el índex interno también puede utilizarse como una referencia para las restauraciones. El objetivo de este artículo es describir un caso clínico con empleo de implantes cono Morse y un sistema de indexación interno, que evitaría el uso de un montador externo que ya venga ...

  8. Colgajo dermoglandular de apoyo en mastopexia con implantes: técnica de la hamaca

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    A. Alí

    2013-12-01

    Full Text Available La ptosis mamaria es consulta frecuente en la práctica del cirujano plástico, y las opciones quirúrgicas para su corrección son múltiples. A pesar de los avances en el tratamiento de esta alteración, los resultados impredecibles y las posibles complicaciones siguen siendo frecuentes, sobre todo cuando se asocia la colocación de implantes mamarios. La dehiscencia de la herida, la exposición del implante y la modificación de la forma de la mama, en especial del polo inferior, pueden estar presentes a corto o largo plazo en las pacientes sometidas a cirugía de pexia mamaria con implantes. Presentamos una nueva técnica quirúrgica para suspensión y protección del polo inferior de la mama a partir de un colgajo dermoglandular de pedículo interno inferior que llamaremos "hamaca". Este colgajo, nos permite mantener más estable la forma de la mama a lo largo del tiempo y brindar así una mayor protección al implante en caso de dehiscencia de la herida.

  9. Hernia incisional: puntos de vista para un consensus

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    José Miguel Goderich Lalán

    2003-12-01

    Full Text Available Aunque no se comparte el criterio en el tratamiento de esta entidad, durante 15 años los estudios realizados en hospitales de Santiago de Cuba y Ciudad de La Habana permitieron ofrecer los resultados de 529 enfermos operados con disímiles técnicas en un estudio retro y prospectivo, descriptivo y longitudinal. Se definen puntualmente los aspectos anatómicos, fisiológicos e histológicos, donde la interfase peritoneo-aponeurosis es determinante al igual que alteraciones de la micción, defecación y ventilación. Se detallan entre los factores pronósticos, el tamaño del anillo y la atrofia o distrofia muscular; en el preoperatorio la evaluación de las enfermedades asociadas, el neumoperitoneo seriado y el número de operaciones anteriores adquieren valores determinantes; son consideradas las variedades especiales (periostomales, lumbares y suprapúbicas. Se analizan las alteraciones psíquicas y las discapacidades. En el caso de los implantes la técnica más utilizada fue la de Rives, donde se utilizan mallas de polipropileno, politetrafluoroetileno y mersilene, preferentemente con anestesia epidural y la profilaxis antibiótica. Se discuten las lesiones transoperatorias y su profilaxis, así como los resultados por la utilización de mallas, lo que determina diferencias porcentuales de recidivas de 11,3 a 1,4 %. Se concluye a favor del uso sistemático de mallas y respeto con los tópicos señalados para un consensusAlthough there is not a shared criterion in the treatment of this entity, the studies conducted in hospitals of Santiago de Cuba and La Habana during 15 years allowed to show the results of a retrospective, descriptive and longitudinal study carried out among 529 patients operated on by different techniques. The anatomical, physiological and histological aspects were well defined. The peritoneum-aponeurosis interphase as well as the alterations of miction, defecation and ventilation were determinant. Among the prognostic

  10. Estudio multicéntrico prospectivo con implantes MG-OSSEOUS a los 2 años de seguimiento Multicentric prospective study of MG-OSSEOUS implants at 2 year follow-up

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    E. Serrano

    2009-10-01

    Full Text Available Introducción. La implantología es uno de los procedimientos terapéuticos más realizados en nuestros días. El objetivo del presente estudio es presentar los resultados de los los implantes MG-OSSEOUS (Mozo-Grau, S.L., Valladolid, España a los 2 años de seguimiento. Material y método. La empresa Scientific Management in O&SS (Barcelona, España, diseñó unos cuestionarios exhaustivos que rellenaron, por cada caso, cada uno de los profesionales del estudio. La compilación y el tratamiento estadístico de los datos obtenidos fue extremadamente pormenorizada. Se aplicaron estudios de subpoblaciones desde la población N de implantes totales colocados y, mediante la aplicación de ANOVA, se valoraron parámetros concretos en dichas subpoblaciones para determinar y concluir la influencia de los mismos sobre el fracaso de los implantes. Resultados. Se colocaron 1475 implantes en 480 pacientes entre Junio de 2005 y Mayo de 2006, con una supervivencia del 98,2% con un seguimiento de 2 años de promedio con las prótesis cargadas. Se detallan los implantes por posiciones, diámetros y longitudes y se analizan los resultados en las subpoblaciones de implantes postexodoncia, implantes de carga inmediata e implantes asociados a injertos. Discusión. Se focaliza, realizando un amplio repaso de la bibliografía actual, en el alto fracaso obtenido en nuestro estudio de los implantes de diámetro ancho (4,25 mm postexodoncia y en la versatilidad del empleo de los implantes de diámetro estrecho (3,4 mm en cualquier posición oral para cualquier tipo de carga. Conclusiones. Este estudio es la completa antítesis de la filosofía, en el que se interpreta de una sola manera, científica y reproducible, una serie de resultados en el campo de la implantología oral, nuestra realidad. Seguiremos este estudio para alargar el tiempo observacional, como mínimo, a 5 años.Introduction. Implantology is the most common therapeutic procedure nowadays. Professor P

  11. Efedrina y Fenilefrina: Efectos hemodinámicos en cesáreas electivas

    OpenAIRE

    Romero Palomino, Patricia

    2017-01-01

    El objetivo de este estudio es comparar el efecto de bolos de efedrina y fenilefrina sobre el gasto cardíaco en la hipotensión que se produce tras la realización de anestesia espinal en cesáreas programadas. La anestesia espinal es la técnica de elección para cesáreas y conlleva disminución de las resistencias vasculares periféricas, del retorno venoso y un aumento compensador del gasto cardíaco que asociados a las peculiaridades del embarazo a término hacen que se convierta en un periodo ...

  12. Uso do implante esférico Medpor ™: análise de 61 cirurgias orbitárias Use of Medpor ™ spherical implant: analysis of 61 orbital surgeries

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Eurípedes da Mota Moura

    2007-02-01

    Full Text Available OBJETIVO: Analisar o uso do implante biointegrável Medpor™ em cirurgias de evisceração, enucleação ou implantação secundária em cavidades anoftálmicas. MÉTODOS: Em 61 cirurgias foi utilizado o implante orbitário Medpor™ . Em 18 casos de evisceração, não houve necessidade do revestimento do implante. Em 12 cirurgias de enucleação e implantação secundária o material utilizado para revestir o implante foi duramater homóloga. Nas demais 31 cirurgias, o revestimento foi de material autólogo (esclera, derme, músculo orbicular ou cartilagem auricular, utilizando-se a técnica de "solidéu", recobrindo apenas a superfície anterior do Medpor ™ . RESULTADOS: Os pacientes foram operados no período de janeiro/1998 a dezembro/2004, com tempo de seguimento médio de 30 meses. Em todos os casos houve aceitação do implante, permitindo boa adaptação da prótese. Em dois pacientes ocorreu exposição tardia do implante: o primeiro caso foi corrigido pelo reposicionamento do implante na cavidade, e no segundo caso a exposição foi coberta com um retalho de tarso. CONCLUSÕES: Na nossa experiência o implante Medpor ™ apresenta boa aceitação com taxa de exposição pequena do mesmo (apenas 2 casos, nenhum caso de infecção ou migração, e boa adaptação da prótese em todos os pacientes. O uso de tecido autólogo para revestir a superfície anterior do implante elimina o risco inerente ao uso de tecidos homólogos.PURPOSE: To analyze the use of Medpor ™ biointegrated implant in surgeries of evisceration, enucleation or secondary implantation in anophthalmic sockets. METHODS: The Medpor™ orbitary implant was used in 61 surgeries. In 18 cases of evisceration the implant's wrapping was not necessary. In 12 enucleation and secondary implantation surgeries the utilized material to wrap the implant was homologous duramater. In the other 31 surgeries, the implant wrapping was made from autologous tissue (sclera, dermis

  13. Fatores de risco hospitalar para implante de bioprótese valvar de pericárdio bovino Hospital risk factors for bovine pericardial bioprosthesis valve implantation

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Mateus W. De Bacco

    2007-08-01

    Full Text Available FUNDAMENTO: Identificação de fatores de risco pré-operatórios na cirurgia cardíaca valvar visa melhor resultado cirúrgico pela possível neutralização de condições relacionadas com morbi-mortalidade aumentada. OBJETIVO: Este estudo objetiva identificar fatores de risco hospitalar em pacientes submetidos a implante de bioprótese de pericárdio bovino. MÉTODOS: Estudo retrospectivo incluindo 703 pacientes consecutivos submetidos a implante de pelo menos uma bioprótese de pericárdio bovino St. Jude Medical-Biocor® de setembro de 1991 a dezembro de 2005 no Instituto de Cardiologia do RS, sendo 392 aórticos, 250 mitrais e 61 mitro-aórticos. Analisadas as características sexo, idade, índice de massa corporal, classe funcional (New York Heart Association - NYHA, fração de ejeção, lesão valvar, hipertensão arterial sistêmica, diabete melito, função renal, arritmias cardíacas, cirurgia cardíaca prévia, revascularização miocárdica, plastia tricúspide e caráter eletivo, de urgência ou de emergência da cirurgia. Desfecho primordial foi mortalidade hospitalar. Utilizou-se regressão logística para examinar relação entre fatores de risco e mortalidade hospitalar. RESULTADOS: Ocorreram 101 (14,3% óbitos hospitalares. Características significativamente relacionadas à mortalidade aumentada foram sexo feminino (p 2,4mg/dl (p=0,004, classe funcional IV (pBACKGROUND: Identification of preoperative heart valve surgery risk factors aim to improve surgical outcomes with the possibility to offset conditions related to increased morbidity and mortality. OBJECTIVE: Intent of this study is to identify hospital risk factors in patients undergoing bovine pericardial bioprosthesis implantation. METHODS: Retrospective study including 703 consecutive patients who underwent implantation of at least one St. Jude Medical-Biocor™ bovine pericardial bioprosthesis between September 1991 and December 2005 at the Rio Grande do Sul

  14. Quimioterapia e anestesia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Márcio Augusto Lacerda

    2001-06-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: A quimioterapia é um dos principais tipos de tratamento oferecido a pacientes com câncer, mas ainda causam importantes efeitos colaterais, reversíveis ou não. Para os anestesiologistas, conhecer estas drogas, complicações e interações medicamentosas, é de importância capital em cirurgias com pacientes em tratamento de neoplasias. CONTEÚDO: Nesta revisão apresentam-se os diferentes tipos de quimioterápicos atualmente utilizados, a classificação farmacológica, repercussões orgânicas, interações com outras substâncias, e a conduta anestésica mais apropriada frente a elas, objetivando reduzir a morbi-mortalidade perioperatória nestes pacientes. CONCLUSÕES: O conhecimento, pelo anestesiologista, das formas de tratamento, das características farmacológicas destas substâncias, seus efeitos adversos, lesões estruturais e possíveis interações medicamentosas por elas geradas e potencializadas pelas várias técnicas anestésicas hoje empregadas, pode certamente reduzir a morbi-mortalidade peri-operatória destes pacientes.

  15. Factores de riesgo asociados a íleo posquirúrgico prolongado en pacientes sometidos a resección electiva de colon

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    M.A. Juárez-Parra

    2015-10-01

    Conclusiones: La presencia de estos factores de riesgo pueden servir como alertas para un seguimiento más cercano en pacientes de alto riesgo de íleo postoperatorio. El uso de anestesia peridural pudiera disminuir la incidencia de íleo.

  16. Conduta anestésica em cesariana em gestante com aneurisma intracraniano não roto Conducta anestésica en cesárea en embarazada con aneurisma cerebral íntegro Anesthetic conduct in cesarean section in a parturient with unruptured intracranial aneurysm

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luciana de Souza Cota Carvalho

    2009-12-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: O manuseio anestésico para cesariana programada em gestante com aneurisma intracraniano não roto é particularmente interessante, pois apresenta diversas particularidades relacionadas às alterações fisiológicas da gestação acrescida dos riscos de ruptura do aneurisma durante o procedimento anestésico. A literatura é escassa nesse assunto, sendo assim importante a divulgação dos casos. RELATO DO CASO: Gestante de termo, 31 anos, com aneurisma intracraniano não roto submetida à cesariana programada sob anestesia peridural simples. O procedimento evoluiu sem intercorrências para mãe e filho. CONCLUSÕES: Recomendações baseadas em evidências para anestesia obstétrica em pacientes portadoras de aneurisma intracraniano não roto não existem. Não há dados experimentais ou clínicos que confirmem ou refutem anestesia geral ou regional nesse contexto. Dessa forma, a decisão de qual técnica utilizar deve ser feita com bases individuais, ponderando os riscos e benefícios de cada procedimento e a experiência do profissional que irá conduzi-la.JUSTIFICATIVA Y OBJETIVOS: El manejo anestésico para la cesárea programada en embarazada con aneurisma cerebral íntegro es particularmente interesante, porque presenta diversas particularidades relacionadas con las alteraciones fisiológicas del embarazo y por añadidura, con los riesgos de ruptura del aneurisma durante el procedimiento anestésico. La literatura es parca en ese asunto, siendo muy importante la divulgación de los casos. RELATO DEL CASO: Embarazada de término, 31 años, con aneurisma cerebral no roto y sometida a la cesárea programada bajo anestesia epidural simple. El procedimiento evolucionó sin intercurrencias para la madre y el hijo. CONCLUSIONES: No existen recomendaciones basadas en evidencias, para la anestesia obstétrica en pacientes portadoras de aneurisma cerebral no roto. No hay datos experimentales o clínicos que confirmen o que

  17. Role of interstitial implantation in gynecological cancer

    International Nuclear Information System (INIS)

    Nori, D.; Hilaris, B.S.

    1987-01-01

    Recurrent cancer at any site carries a gloomy prognosis. Cancer of the cervix that recurs after radical surgery or curative radiation therapy is a perplexing problem confronting both gynecological and radiation oncologists. In the authors' series, 45% of the patients survived disease-free at 1 year and 10% survived without disease at 5 years or longer following interstitial implantation for recurrent cervical cancer. The optimal utilization of this procedure seems to depend on the site of recurrence, the extent of the disease in the pelvis, and the status of para-aortic node involvement. This retrospective analysis enabled the authors to identify the prognostic factors. The most favorable group benefited by this technique were those who presented with either central recurrence or unilateral, localized pelvic side wall recurrent disease. The least morbidity was noticed in those patients with minimal surgical manipulations at the time of the interstitial implantation. The authors recommended that only a limited and essential surgical procedure should accompany interstitial implantation, since the associated morbidity and mortality is high and survival brief

  18. Estudo comparativo entre bupivacaína a 0,5% e mistura enantiomérica de bupivacaína (S75-R25 a 0,5% em anestesia peridural Estudio comparativo entre bupivacaína a 0,5% y mezcla enantiomérica de bupivacaína (S75-R25 a 0,5% en anestesia peridural Comparative study between 0.5% bupivacaine and 0.5% enantiomeric mixture of bupivacaine (S75-R25 in epidural anesthesia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rosane Fossatti Gonçalves

    2003-04-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: A mistura enantiomérica de bupivacaína (S75-R25 vem sendo empregada pela sua propriedade anestésica com menor toxicidade do que a bupivacaína racêmica. O objetivo deste estudo é comparar a bupivacaína a 0,5% com a mistura enantiomérica de bupivacaína a 0,5% (S75-R25 em anestesia peridural. MÉTODO: Foram incluídos no estudo 44 pacientes divididos em dois grupos (n=22 denominados de Bupivacaína e S75-R25. Os pacientes foram medicados com midazolam por via venosa. A anestesia peridural foi realizada no espaço L3-L4 ou L2-L3, e administrado 16 a 24 ml da solução do anestésico local. O grupo Bupivacaína recebeu bupivacaína a 0,5% com vasoconstritor. O grupo S75-R25 recebeu a mistura enantiomérica de bupivacaína a 0,5% com vasoconstritor. Foram avaliados a temperatura do membro inferior antes e após o bloqueio peridural, o tempo de latência do bloqueio, o tipo de alteração referida pelo paciente, possíveis falhas sensoriais, nível sensorial metamérico e o grau de bloqueio motor. Na sala de recuperação pós-anestésica, foi anotado o tempo de requisição do primeiro analgésico. RESULTADOS: Fizeram parte da avaliação final 41 pacientes. Os grupos foram demograficamente semelhantes. A dose per-operatória de midazolam, o volume de anestésico local por via peridural, o tempo de latência para a instalação do bloqueio, falhas sensoriais a picada da agulha, temperatura do membro inferior nos diferentes tempos, o tipo de sensação parestésica, e o nível anestésico em dermátomos foram semelhantes entre os grupos. O grau de bloqueio motor foi mais intenso para o grupo Bupivacaína, comparado ao grupo S75-R25 (p = 0,0117. O tempo para requisição do primeiro analgésico no período pós-operatório foi superior para o grupo S75-R25, comparado ao grupo Bupivacaína (596 ± 436 minutos versus 463 ± 270 minutos, respectivamente; p = 0,04572. A incidência de efeitos adversos foi semelhante entre

  19. Short Implants: New Horizon in Implant Dentistry.

    Science.gov (United States)

    Jain, Neha; Gulati, Manisha; Garg, Meenu; Pathak, Chetan

    2016-09-01

    The choice of implant length is an essential factor in deciding the survival rates of these implants and the overall success of the prosthesis. Placing an implant in the posterior part of the maxilla and mandible has always been very critical due to poor bone quality and quantity. Long implants can be placed in association with complex surgical procedures such as sinus lift and bone augmentation. These techniques are associated with higher cost, increased treatment time and greater morbidity. Hence, there is need for a less invasive treatment option in areas of poor bone quantity and quality. Data related to survival rates of short implants, their design and prosthetic considerations has been compiled and structured in this manuscript with emphasis on the indications, advantages of short implants and critical biomechanical factors to be taken into consideration when choosing to place them. Studies have shown that comparable success rates can be achieved with short implants as those with long implants by decreasing the lateral forces to the prosthesis, eliminating cantilevers, increasing implant surface area and improving implant to abutment connection. Short implants can be considered as an effective treatment alternative in resorbed ridges. Short implants can be considered as a viable treatment option in atrophic ridge cases in order to avoid complex surgical procedures required to place long implants. With improvement in the implant surface geometry and surface texture, there is an increase in the bone implant contact area which provides a good primary stability during osseo-integration.

  20. Influence of Palatal Coverage and Implant Distribution on Implant Strain in Maxillary Implant Overdentures.

    Science.gov (United States)

    Takahashi, Toshihito; Gonda, Tomoya; Mizuno, Yoko; Fujinami, Yozo; Maeda, Yoshinobu

    2016-01-01

    Maxillary implant overdentures are often used in clinical practice. However, there is no agreement or established guidelines regarding prosthetic design or optimal implant placement configuration. The purpose of this study was to examine the influence of palatal coverage and implant number and distribution in relation to impact strain under maxillary implant overdentures. A maxillary edentulous model with implants and experimental overdentures with and without palatal coverage was fabricated. Four strain gauges were attached to each implant, and they were positioned in the anterior, premolar, and molar areas. A vertical occlusal load of 98 N was applied through a mandibular complete denture, and the implant strains were compared using one-way analysis of variance (P = .05). The palatolabial strain was much higher on anterior implants than on other implants in both denture types. Although there was no significant difference between the strain under dentures with and without palatal coverage, palateless dentures tended to result in higher implant strain than dentures with palatal coverage. Dentures supported by only two implants registered higher strain than those supported by four or six implants. Implants under palateless dentures registered higher strain than those under dentures with palatal coverage. Anterior implants exhibited higher palatolabial strain than other implants regardless of palatal coverage and implant configuration; it is therefore recommended that maxillary implant overdentures should be supported by six implants with support extending to the distal end of the arch.

  1. Reproducción in vitro de la biopelícula de mucositis sobre implantes de zirconio

    OpenAIRE

    Spina, Marianela; Butler, Teresa Adela; Lazo, Sergio Daniel; Escudero Giachella, Ezequiel; Friso, Nélida Ester; Basal, Roxana Lía; Bentivegna, Nicolás; Amaro, Emilio Gustavo; Pazos, Fernando Ezequiel; Alfaro, Gabriel Enrique; Ivanov, Marcela; Cuchetti, Diana; Merlo, Diego; Viscovick, Cristina

    2017-01-01

    La mucositis, causada por formas cocoides y Actinomyces, es una patología que se observa con frecuencia en los implantes de titanio. Sin embargo, aún no se ha reportado la presencia de estos microorganismos sobre los implantes de zirconio. El objetivo de este trabajo es examinar la presencia de la biopelícula de mucositis adherida a los implantes Zirconio, a través de la observación por Microscopía Electrónica de Barrido (MEB). Para este trabajo se utilizaron 10 cápsulas de Petri con Agar Mit...

  2. A telemetria de respostas neurais no sistema de implante coclear multicanal nucleus 24: revisão da literatura

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ferrari Deborah V.

    2004-01-01

    Full Text Available A telemetria de respostas neurais (NRT é uma nova técnica disponível no implante coclear Nucleus 24 (Cochlear Corporation que permite o registro do potencial de ação composto eletricamente evocado (ECAP peri ou pós-opertoriamente, utilizando apenas os equipamentos normalmente necessários para a programação do processador de fala do implante coclear. O objetivo deste artigo é descrever o procedimento da NRT e algumas de suas aplicações clínicas e de pesquisa. A literatura relata que a técnica da NRT possui algumas vantagens sobre outros procedimentos objetivos e que as respostas do ECAP podem ser úteis para estimar limiares e níveis de máximo conforto para a estimulação elétrica. Outras pesquisas são necessárias para verificar como estas medidas podem ser utilizadas no estudo das propriedades das estruturas remanescentes do nervo coclear.

  3. O uso do óleo de cravo como anestésico em juvenis avançados de tilápia do Nilo (Oreochromis niloticus=The use of clove oil as an anesthetic for advanced juvenile tilapia (Oreochromis niloticus

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Levy Carvalho Gomes

    2012-04-01

    Full Text Available A inevitável manipulação de peixes vivos em piscicultura causa uma série de reações fisiológicas adversas, o que exige o uso de anestésicos. O objetivo foi avaliar a eficiência do óleo de cravo como anestésico para juvenis avançados (aproximadamente 55 g e 13 cm de tilápia do Nilo durante o manejo. No primeiro experimento, os peixes foram expostos a banhos anestésicos em seis diferentes concentrações (80; 100; 150; 200; 250 e 300 mg L-1 e foi avaliado o tempo de indução aos diferentes estágios de anestesia. No segundo experimento, avaliaram-se os diferentes tempos de exposição à anestesia, sendo verificada a margem de segurança do anestésico. Por último, avaliaram-se as respostas de estresse após a anestesia em 250 mg L-1. Os parâmetros avaliados foram cortisol, glicose, hematócrito, hemoglobina e níveis plasmáticos de sódio e potássio. A concentração 250 mg L-1 de óleo de cravo foi a mais adequada para indução de anestesia cirúrgica. Para a anestesia voltada para biometria e breve manejo, a concentração mais adequada foi 150 mg L-1. A exposição à concentração ideal de óleo de cravo por 10 min., não causou estresse severo, ocorrendo alterações após a anestesia somente nos níveis de glicose e hematócrito.Handling of live fish is inevitable in fish farms and causes a number of adverse physiological reactions, thus requiring the use of anesthetics. The main goal of the present work was to evaluate the efficiency of clove oil as an anesthetic for juvenile tilapia (approximately 55 g and 13 cm during handling. In the first experiment, fishes were exposed to an anesthetic bath at six concentrations (80, 100, 150, 200, 250 and 300 mg L-1. Subsequently, the induction time was assessed for different stages of anesthesia. In the second experiment, different times of exposure to anesthesia were tested, aiming to assess the safety margin of the anesthetic. Finally, we evaluated the responses to stress

  4. Right-to-left shunt determination in dog lungs under inhalation anesthesia with rebreathing and non-rebreathing system Determinação de shunt venoso-arterial em pulmões de cães sob anestesia geral inalatória por sistemas com e sem reinalação

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    André Leguthe Rosa

    2006-12-01

    = 0,4. Os atributos analisados durante o experimento foram: freqüência cardíaca, pressão arterial média, shunt pulmonar venoso-arterial, hematócrito, hemoglobina, pressão parcial de oxigênio arterial, pressão parcial de oxigênio no sangue venoso misto, saturação de oxigênio no sangue venoso misto, pressão parcial de dióxido de carbono arterial e pressão de vapor de água nos alvéolos (P VA. RESULTADOS: A P VA foi significativamente maior em GII. A análise estatística dos valores encontrados de shunt mostrou que GI e GII apresentaram diferenças significativas, sendo que os resultados de GI são maiores que os de GII em todos os momentos avaliados. Já a análise de momentos dentro de um mesmo grupo não demonstrou diferenças. CONCLUSÃO: O sistema de anestesia sem reinalação com F I O2 = 0,9 desenvolveu maior grau de shunt pulmonar venoso-arterial que o sistema de anestesia com reinalação e F I O2 = 0,4. A umidificação dos gases em GII contribuiu para diminuir o shunt.

  5. Anestesia peridural para cesariana: estudo comparativo entre Bupivacaína Racêmica (S50-R50 e Bupivacaína com excesso enantiomérico de 50% (S75-R25 a 0,5% associadas ao Sufentanil Anestesia epidural para cesárea: estudio comparativo entre Bupivacaína Racémica (S50-R50 y Bupivacaína con exceso enantiomérico de 50% (S75-R25 a 0,5% asociadas al Sufentanil Epidural block for cesarean section: a comparative study between 0.5% racemic Bupivacaine (S50-R50 and 0.5% enantiomeric excess Bupivacaine (S75-R25 associated with Sufentanil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Angélica de Fátima de Assunção Braga

    2009-06-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: A bupivacaína racêmica a 0,5% associada a opioides por via peridural constitui técnica anestésica utilizada em cesariana, entretanto sua toxicidade é questionada. A bupivacaína com excesso enantiomérico de 50% apresenta menor cárdio e neurotoxicidade. Avaliou-se a eficácia da bupivacaína racêmica e da bupivacaína com excesso enantiomérico de 50% a 0,5%, associadas ao sufentanil, por via peridural, em gestantes submetidas à cesariana. MÉTODO: Cinquenta gestantes a termo, submetidas à cesariana eletiva, sob bloqueio peridural, distribuídas em dois grupos, de acordo com o anestésico local empregado: Grupo I - bupivacaína racêmica a 0,5% com vasoconstritor; Grupo II - bupivacaína com excesso enantiomérico de 50% (S75-R25 a 0,5% com vasoconstritor. Nos dois grupos o anestésico local (100 mg foi associado ao sufentanil (20 µg e o volume total empregado da solução foi de 24 mL. Avaliaram-se: latência do bloqueio sensitivo; nível máximo do bloqueio sensitivo; grau do bloqueio motor; tempo para regressão do bloqueio motor; duração da analgesia; efeitos colaterais maternos e repercussões neonatais. RESULTADOS: A latência, o nível máximo do bloqueio sensitivo, o grau do bloqueio motor e a duração da analgesia foram semelhantes nos dois grupos; o tempo para regressão do bloqueio motor foi significativamente menor no Grupo II. Os efeitos colaterais ocorreram com frequência semelhante em ambos os grupos. Ausência de alterações cardiocirculatórias maternas e repercussões neonatais. CONCLUSÕES: A bupivacaína racêmica e a bupivacaína com excesso enantiomérico de 50%, por via peridural, proporcionam anestesia adequada para realização de cesariana. A bupivacaína com excesso enantiomérico de 50% constitui alternativa promissora para esse tipo de procedimento, por apresentar menor tempo para regressão do bloqueio motor, desejável na paciente obstétrica.JUSTIFICATIVA Y OBJETIVOS: La

  6. Experiência Inicial de Dois Centros Nacionais no Implante de Prótese Aórtica Transcateter

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Sebastián Lluberas

    2014-04-01

    Full Text Available Fundamento: O implante de prótese aórtica transcateter é uma alternativa efetiva para o tratamento cirúrgico para a correção de estenose aórtica grave em pacientes inoperáveis ou de alto risco cirúrgico. Objetivos: Apresentar os resultados clínicos e ecocardiográficos imediatos e no médio prazo da experiência inicial do implante de prótese aórtica transcateter. Métodos: Entre junho de 2009 e fevereiro de 2013, 112 pacientes foram submetidos a implante de prótese aórtica transcateter. Resultados: A idade média foi 82,5 ± 6,5 anos e o Euro SCORE logístico foi 23,6 ± 13,5. O sucesso do procedimento foi de 84%. Após o implante, houve queda do gradiente sistólico médio (pré = 54,7 ± 15,3 mmHg vs. pós = 11,7 ± 4,0 mmHg; p < 0,01. Acidente vascular cerebral ocorreu em 3,6% dos pacientes, complicações vasculares em 19%, e foi necessário o implante de marca-passo definitivo em 13% dos pacientes nos primeiros 30 dias pós-implante. A mortalidade aos 30 dias e no seguimento médio de 16 ± 11 meses foi, respectivamente, de 14 e de 8,9%. A presença de doença pulmonar obstrutiva crônica foi o único preditor de mortalidade em 30 dias e no seguimento. A área valvar aórtica e o gradiente sistólico médio não apresentaram variações significativas durante o seguimento. Conclusões: O implante de prótese aórtica transcateter é um procedimento eficaz e seguro para o tratamento da estenose aórtica em pacientes de alto risco cirúrgico ou inoperáveis. A presença de doença pulmonar obstrutiva crônica foi o único preditor independente de mortalidade identificado, tanto no primeiro mês pós-intervenção quanto no seguimento mais tardio.

  7. Uso da Ketamina no Tratamento da Asma Refractária: A Propósito de Dois Casos

    OpenAIRE

    Morais, Lurdes; Ferreira, Paula; Araújo, Filomena; Vilarinho, António

    2014-01-01

    A ketamina é um fármaco de uso em anestesia (e.v./i.m.) para sedação, analgesia e anestesia. Verificou-se que um dos seus efeitos é diminuir a resistência das vias aéreas em doentes com hiperreactividade brônquica o que, associado a ausência de depressão respiratória ou cardiovascular significativa, levou à sua utilização ocasional como terapêutica adjuvante no tratamento do estado de mal asmático refractário.Os autores descrevem dois casos clínicos de crianças com dois e seis anos de idade e...

  8. Temperatura, Oximetría Cerebral y Disfunción Cognitiva Postoperatoria (DCPO) en pacientes intervenidos de Prótesis Total de Rodilla (PTR) con anestesia intradural. Estudio prospectivo

    OpenAIRE

    Salazar Garcia, Fátima

    2015-01-01

    Introducción: La Disfunción cognitiva postoperatoria (DCPO) tiene una alta incidencia en pacientes de cirugía ortopédica. Durante la anestesia y la cirugía se produce un descenso progresivo de la temperatura. Esta hipotermia tiene efectos deletéreos pero también puede tener un efecto protector cerebral. Nosotros planteamos la hipótesis que la temperatura perioperatoria puede tener un impacto sobre la aparición de DCPO. Por otro lado, la monitorización de la saturación regional cerebral de...

  9. Pulse generator for bias materials in the plasma immerse ion implantation process; Generador de pulsos para polarizar materiales en el proceso de implantacion de iones inmersos en plasma

    Energy Technology Data Exchange (ETDEWEB)

    Lopez Callegas, Regulo; Valencia Alvarado, Raul; Munoz Castro, Arturo Eduardo; Godoy Cabrera, Oscar Gerardo [Instituto Nacional de Investigaciones Nucleares, Mexico D.F. (Mexico); Moreno Saavedra, Hilda; Gonzalez Colin, Mireya; Mariano Escamilla, Hector Fernando [Instituto Tecnologico de Toluca, Estado de Mexico (Mexico)

    2003-10-15

    The 0-10 kV pulse generator has been designed, with 100 {mu}s duration and 1-100 Hz frequencies ranges. The use of the pulse generator is in the plasma immersed ion implantation technique (P III). The process was realized in 304 austenitic stainless steel, the results were analyzed by: SEM, X-rays diffraction and hardness Vickers. The hardness was increased due to the efficiency of the pulse generator and P III process, the results obtained showed that the nitrogen inside the stainless steel was implanted and besides some nitrides was formed and therefore the hardness was increased. Also, the more adequate work pressure was determined to carry out the P III process. [Spanish] Se presenta el diseno de un generador de pulsos de alto voltaje con amplitudes controladas de hasta 10 kV, la duracion maxima de los pulsos es del orden de los 100 {mu}s y frecuencia de repeticion en el intervalo de 1-100 Hz. La aplicacion de este generador de pulsos es para el proceso de implantacion de iones en materiales inmersos en plasmas (PIII). Los analisis hechos a los aceros austeniticos cedula 304 mediante microscopia electronica de barrido, difraccion de rayos X y dureza Vickers, muestran la eficiencia obtenida con el generador de pulsos en el proceso PIII, debido a que en el acero inoxidable se presenta un incremento en el nitrogeno y conformacion de algunos nitruros, lo cual da lugar al incremento de la dureza. Asimismo, se determino la presion de trabajo mas adecuada para llevar a cabo el proceso PIII.

  10. Desempenho visual após implante de uma lente intraocular asférica multifocal difrativa Visual performance after implantation of an aspheric multifocal diffractive intraocular lens

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Leonardo Akaishi

    2010-08-01

    Full Text Available OBJETIVO: Avaliar a acuidade visual a distancia, intermediária e perto após o implante de uma lente intraocular (LIO asférica multifocal difrativa AcrySof® ReSTOR® SN6AD1. MÉTODOS: Estudo prospectivo de 50 pacientes com catarata submetidos à facoemulsificação e implante de LIO AcrySof® ReSTOR®. Foram avaliados acuidade visual sem correção (AVSC, acuidade visual com correção (AVCC para longe, acuidade visual para perto corrigida para longe (AVPC e acuidade visual intermediária corrigida para longe (AVIC. Um questionário de satisfação e fenômenos visuais foi administrado ao final do estudo. RESULTADO: Após três meses de cirurgia, a média das acuidades (logMAR era: AVSC, 0,05 ± 0,07; AVCC, 0,00 ± 0,01; AVPC, 0,00 ± 0,0, e AVIC, 0,15 ± 0,05. A AVCC e AVPC era de 20/25 ou melhor em todos os pacientes, sendo a AVIC J3 ou melhor em 83% dos pacientes. Pacientes relataram excelente desempenho visual nas questões relacionadas a atividades para distância, intermediário, e perto com pouca ou nenhuma dificuldade. Nenhum paciente relatou halos ou 'glare' severos, sendo os mesmos caracterizados entre nenhum a moderado. CONCLUSÃO: A LIO asférica AcrySof® ReSTOR® SN6AD1 mostrou excelentes resultados na visão para longe, perto e intermediário, além de apresentar uma baixa incidência de fenômenos visuais.PURPOSE: To evaluate distance, intermediate, and near vision after aspheric multifocal diffractive AcrySof® ReSTOR® SN6AD1 intraocular lens (IOL implantation. METHODS: Prospective study of 50 patients with cataract that had phacoemulsification and AcrySof® ReSTOR® IOL implantation. Uncorrected distance vision acuity (UDVA, corrected distance visual acuity (CDVA, distance-corrected near visual acuity (DCNVA, and distance-corrected intermediate visual acuity (DCIVA were measured postoperatively. A patient-satisfaction and visual phenomena questionnaire was administered at the end of the study. RESULTS: Three months

  11. Desenvolvimento de um programa computacional para implantação econômica de lavouras canavieiras Development of a computer program for economical implantation of sugarcane plantations

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Tadeu A. Marques

    2006-06-01

    Full Text Available Desenvolveu-se um algoritmo para a implantação convencional de lavouras canavieiras e em adição, uma implantação diferenciada com a finalidade de proporcionar produções, em toneladas, iguais nos anos subseqüentes à implantação, visto que, com o passar dos anos, as produtividades da cana-de-açúcar são diferentes; contudo, a nova metodologia fica limitada à área máxima de plantio, sendo que, em alguns casos, a produção anual cai, devido à impossibilidade de aumento da área; ampliou-se então, uma terceira metodologia, na qual a área não se torna fator limitante e, portanto, as produções se mantêm constantes. Para avaliar a viabilidade dos métodos propostos, os cálculos dos custos de implantação da cultura, da manutenção da soqueira, de renda bruta anual e das rendas líquidas, foram trazidas ao Valor Presente. Os resultados apontam que, apesar do maior investimento inicial, os métodos inovadores sempre proporcionam maiores lucratividades reais com o passar do tempo e, ainda, que o tempo de recuperação do capital investido também é menor. Os algoritmos foram transformados no software "canavial.exe", o qual pode ser obtido gratuitamente no endereço da Internet: "http://dl.winsite.com/bin/downl?500000027058".An algorithm was developed for conventional implantation of sugarcane crap. In addition, a differentiated implantation was developed with the purpose of providing same production (tons, in subsequent years of the implantation. Since sugarcane productivities in the following years are different. However the new methodology is limited to the maximum planting area, and in some cases annual production falls due to impossibility to increase planted area. A third methodology was also developed, in which the area does not become a limiting factor, and therefore production remain constant. To evaluate the viability of proposed methods, calculations of the cost of crop implantation, of sugarcane maintenance, annual

  12. Auditory neuropathy/auditory dyssynchrony in children with cochlear implants Neuropatia auditiva/dessincronia auditiva em crianças usuárias de implante coclear

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ana Claudia Martinho de Carvalho

    2011-08-01

    Full Text Available The electrical stimulation generated by the Cochlear Implant (CI may improve the neural synchrony and hence contribute to the development of auditory skills in patients with Auditory Neuropathy/Auditory Dyssynchrony (AN/AD. AIM: Prospective cohort cross-sectional study to evaluate the auditory performance and the characteristics of the electrically evoked compound action potential (ECAP in 18 children with AN/AD and cochlear implants. MATERIAL AND METHODS: The auditory perception was evaluated by sound field thresholds and speech perception tests. To evaluate ECAP's characteristics, the threshold and amplitude of neural response were evaluated at 80Hz and 35Hz. RESULTS: No significant statistical difference was found concerning the development of auditory skills. The ECAP's characteristics differences at 80 and 35Hz stimulation rate were also not statistically significant. CONCLUSIONS: The CI was seen as an efficient resource to develop auditory skills in 94% of the AN/AD patients studied. The auditory perception benefits and the possibility to measure ECAP showed that the electrical stimulation could compensate for the neural dyssynchrony caused by the AN/AD. However, a unique clinical procedure cannot be proposed at this point. Therefore, a careful and complete evaluation of each AN/AD patient before recommending a Cochlear Implant is advised. Clinical Trials: NCT01023932A estimulação elétrica gerada pelo Implante Coclear (IC pode ser capaz de melhorar a sincronia neural e contribuir para o desenvolvimento das habilidades auditivas de sujeitos portadores de Neuropatia Auditiva/Dessincronia Auditiva (NA/DA. OBJETIVO: Estudo de coorte prospectivo transversal para avaliar o desempenho auditivo e as características do Potencial de Ação Composto Eletricamente Evocado no Nervo Auditivo (ECAP em 18 crianças portadoras de NA/DA e usuárias de IC. MATERIAL E MÉTODOS: Percepção auditiva e características do ECAP foram avaliadas

  13. Caracterización del uso del implante subdérmico norplant

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Zaadia Pérez Parra

    2001-08-01

    Full Text Available Resumen Se realizó un estudio descriptivo para identificar los factores de riesgo reproductivo preconcepcional que llevaron a la utilización del implante, las causas de su remoción y evaluación de la técnica de retiro empleada en el Servicio de Planificación de la Familia del Policlínico "Plaza de la Revolución". Además se realizó un estudio analítico de cohortes para determinar el tiempo de permanencia del método en el período estudiado. Para la obtención de los datos se utilizó la información procedente de las historias clínicas que se encontraban en una base de datos creada previamente. El implante subdérmico norplant, es un método anticonceptivo hormonal de segunda generación, clasificado como sistema de liberación de larga acción (5 años y elevada eficacia. En nuestro país existe poca experiencia en su uso, por lo que nos proponemos caracterizarla en mujeres a las que se le insertó por un período de 5 años, en el Policlínico Docente "Plaza de la Revolución". Los riesgos reproductivos preconcepcionales más frecuentes fueron: 3 abortos o más (49,1 %, bajo peso para la talla (46 % y asma bronquial (15,6 %. En relación con la causa más frecuente de remoción antes de la fecha de vencimiento fueron los cambios en el patrón menstrual, sobre todo en las adolescentes. En cuanto al tiempo empleado para la extracción de los implantes en la mayoría de los casos (89,6 % fue menos de 10 min, y en el primer intento. El tiempo de mantenimiento fue como promedio 42,49 meses. Concluimos a partir de nuestra experiencia, que el norplant es un método anticonceptivo utilizado generalmente en mujeres con riesgo reproductivo, y tal como informan otros estudios las alteraciones del patrón de sangrado menstrual es la causa más frecuente de su retiro y la técnica de retiro estándar no ofrece mayores complicaciones.Summary A descriptive study was carried out to identify the reproductive preconceptional risk factors that lead

  14. Ion implantation

    International Nuclear Information System (INIS)

    Dearnaley, Geoffrey

    1975-01-01

    First, ion implantation in semiconductors is discussed: ion penetration, annealing of damage, gettering, ion implanted semiconductor devices, equipement requirements for ion implantation. The importance of channeling for ion implantation is studied. Then, some applications of ion implantation in metals are presented: study of the corrosion of metals and alloys; influence or ion implantation on the surface-friction and wear properties of metals; hyperfine interactions in implanted metals

  15. DVD Implante coclear - conhecendo a tecnologia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Comissão Editorial

    2017-01-01

    Full Text Available o INES apresenta o DVD Implante Coclear - conhecendo a tecnologia com o objetivo de esclarecer dúvidas e inserir o tema "Implante Coclear" no grande debate que vem se realizando atualmente, quanto à construção de uma educação bilíngue de qualidade para o estudante surdo brasileiro. Com autoria e coordenação geral da professora e Fonoaudióloga Mônica A. de Carvalho Campello, o DVD contou com a participação das equipes do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (USP e do Hospital Universitário da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ, das equipes de Audiologia e de Fonoaudiologia do INES e também com a participação dos professores surdos e ouvintes do referido Instituto, na apresentação e tradução em Libras.

  16. Nanoskin: uso para reposição de volume na cavidade anoftálmica

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Natalia Mussi

    2016-06-01

    Full Text Available RESUMO Objetivo: Avaliar a biocompatibilidade da Nanoskin para reposição de volume em cavidades enucleadas ou evisceradas de coelhos. Métodos: Estudo experimental, utilizando implantes de Nanoskin (Innovatecs®, São Carlos, Brasil, celulose bacteriana produzida pela bactéria Acetobacter xylinum tendo como substrato o chá-verde. Implantes de 10mm de diâmetro/5mm de espessura foram colocados em cavidades enucleadas (G1 ou evisceradas (G2 de 21 coelhos, avaliados clinicamente todos os dias, sacrificados aos 7, 30 e 90 dias após a cirurgia. O material foi removido e preparado para exame de microscopia óptica. Resultados: Sinais flogísticos discretos no pósoperatório imediato, não tendo sido evidenciados sinais infecciosos ou extrusão de nenhum implante. Houve aparente redução do volume ao longo do período experimental. Histologicamente ambos os grupos foram muito semelhantes, apresentando aos 7 dias células inflamatórias (predominantemente monócitos e neutrófilos, rede de fibrina e hemácias. A Nanoskin apresentava-se como pequenas esferas, de cor rósea, com pequenos espaços entre elas, permeados por escassas células inflamatórias. As células inflamatórias se modificaram ao longo de período experimental, sendo possível observar aos 30 dias células gigantes multinucleadas e fibroblastos maduros permeando o implante. Aos 90 dias, a estrutura do implante apresentava-se desorganizada, amorfa, com restos necróticos e com áreas ovoides, revestidas por fina membrana rósea, que pareciam se agrupar, vazias ou preenchidas por material acelular, róseo ou acinzentado. Conclusão: A Nanoskin provocou reação inflamatória que levou à reabsorção e redução do volume do implante. Novas formulações devem ser estudadas a fim de ter um produto que seja permanente para reparo da cavidade anoftálmica.

  17. Tasa de supervivencia de los implantes dentales de óxido de circonio. Una revisión sistemática y metaanálisis

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Heber Isac Arbildo-Vega

    2017-07-01

    Conclusión: La literatura revisada señala que los implantes dentales de óxido de circonio poseen la misma tasa de supervivencia que los implantes dentales de titanio, sin embargo, se necesitan más investigaciones para recomendar su uso clínico.

  18. Functional outcome in subretinal electronic implants depends on foveal eccentricity.

    Science.gov (United States)

    Stingl, Katarina; Bartz-Schmidt, Karl-Ulrich; Gekeler, Florian; Kusnyerik, Akos; Sachs, Helmut; Zrenner, Eberhart

    2013-11-19

    An active microelectronic subretinal implant, developed to replace the photoreceptive function in hereditary degenerations of the outer retina, has been applied in a pilot and clinical study in patients with end-stage retinal degeneration. The study population comprised 20 blind patients, all of whom lost vision as result of a hereditary retinal disease. An active visual implant was placed surgically within the subretinal space of each patient: subfoveal placement in eight patients (group 1) and parafoveal placement in 12 (group 2). Standardized low-vision tests, including light perception, light localization, movement detection, grating acuity, and visual acuity by Landolt C-rings, were used under masked, randomized implant-OFF and implant-ON conditions. For the chip-mediated vision functional results of both subject groups were compared. Three of 20 patients were excluded from analysis because of surgical or technical implant issues. Among patients with nonfoveal placement of the implant, 80% could perceive light, 10% recognized location, and 10% correctly distinguished stripe patterns up to a resolution of 0.33 cycles/degree. No nonfoveal placement patient passed the motion or Landolt C-ring tests. When the implant was placed subfoveally, 100% of patients could perceive light and determine light localization, 75% could resolve motion up to 35°/s, 88% correctly distinguished stripe patterns up to a resolution of 3.3 cycles/degree, and 38% passed a Landolt C-ring test with a decimal visual acuity of up to 20/546 (logMAR 1.43). Subfoveal placement of active subretinal visual implants allows superior measurable outcomes compared to para- or nonfoveal placement locations. (ClinicalTrials.gov numbers, NCT01024803, NCT00515814.).

  19. Do textured breast implants decrease the rate of capsular contracture compared to smooth implants?

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ignacio Cifuentes

    2017-08-01

    Full Text Available Resumen El uso de implantes mamarios con propósitos estéticos y reconstructivos se ha convertido en uno de los procedimientos más comunes realizados por los cirujanos plásticos. Existen diversos modelos de implantes mamarios, los cuales difieren en su tamaño, relleno, forma y característica de la envoltura, pudiendo ser lisa o texturizada. La contractura capsular es una de las principales complicaciones del uso de implantes mamarios y se ha planteado que las prótesis texturizadas podrían disminuir la incidencia de contractura capsular. Para responder esta pregunta utilizamos Epistemonikos, la mayor base de datos de revisiones sistemáticas en salud a nivel mundial, la cual es mantenida mediante búsquedas en múltiples fuentes de información, incluyendo MEDLINE, EMBASE, Cochrane, entre otras. Identificamos cinco revisiones sistemáticas que en conjunto incluyen 15 estudios primarios, 13 de ellos correspondientes a ensayos aleatorizados pertinentes a la pregunta de interés. Extrajimos los datos desde las revisiones identificadas, reanalizamos los datos de los estudios primarios, realizamos un metanálisis y preparamos tablas de resumen de los resultados utilizando el método GRADE. Concluimos que el uso de prótesis mamaria texturizada probablemente disminuye el riesgo de contractura capsular, sin embargo, podría asociarse a un aumento en el riesgo de linfoma anaplásico de células grandes.

  20. Eficácia do eugenol extraído da planta Eugenia aromatica como anestésico para realização de biometrias em adultos de tilápia do Nilo (Oreochromis niloticus = Efficacy of eugenol extracted from the plant Eugenia aromatica as an anesthetic for the biometry procedures in Nile tilapia (Oreochromis niloticus adults

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Antonio Glaydson Lima Moreira

    2010-10-01

    Full Text Available Os anestésicos figuram como poderosa ferramenta na aquicultura, atuando na redução do estresse e mortalidade usualmente causados pelo manejo. O objetivo deste trabalho foi avaliar o efeito de diferentes concentrações de eugenol em adultos de tilápia e determinar a concentração ideal para realização de uma biometria. Foram avaliadas seis concentrações (30, 60, 120, 180, 240 e 300 mg L-1. Para cada tratamento, 12 peixes (comprimento médio: 32,7 ± 3,0; peso médio: 557,0 ± 160 g, foram imersos individualmente na solução anestésica durante 10 min. Durante a indução anestésica, foram monitorados todos os estágios de anestesia e ao atingir o estágio de anestesia profunda, foi monitorado o número de batimentos operculares durante o minuto seguinte. Após a indução anestésica, os peixes foram transferidos para aquário contendo água sem anestésico e aferido o tempo de recuperação. A concentração de 60 mg L-1 necessitou de maior tempo para atingir o estágio desejado de anestesia profunda (206,3 segundos, enquanto a concentração de 300 g L-1 atingiu este estágio mais rapidamente (77,8 segundos. Os resultados obtidos sugerem que a concentração ideal de eugenol para realização de uma biometria é de 120 mg L-1, e, que o aumento da dosagem do anestésico, implica na diminuição dos batimentos operculares.Anesthetics represent a powerful tool in aquaculture, working to reduce stress and mortality commonly caused by handling. The objective this work was evaluate the effect of various concentrations of eugenol in adults of Nile tilapia and determine its optimal concentration for biometry procedures. Six concentrations (30, 60, 120, 180, 240 e 300 mg L-1 were tested. For each treatment, 12 fishes (average length: 32.7 ± 3.0; average weight: 557.0 ± 160 g were individually immersed in anesthetic solution for 10 min. All stages of anesthesia were monitored during anesthetic induction, and upon profound anesthesia the

  1. Alternativas a la elevación de seno maxilar: rehabilitación del sector posterior del maxilar atrófico mediante implantes pterigoideos Alternatives to maxillary sinus lift: posterior area of the atrophic maxilla rehabilitation by means pterigoideal implants

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    X. Rodríguez-Ciurana

    2008-12-01

    Full Text Available El primer y segundo molar son los dientes que se pierden más a menudo debido a la enfermedad periodontal y al exceso de fuerzas oclusales. A pesar de la frecuencia del edentulismo parcial del sector posterior raramente se ubican los implantes más allá de los premolares debido al aumento del índice de fallos. El escaso volumen óseo y la pobre mineralización del sector posterior del maxilar comprometen la viabilidad de las rehabilitaciones con implantes a largo plazo. Además, la cresta ósea a nivel del seno maxilar, en el maxilar atrófico, no suele permitir el anclaje de implantes de 10 mm. Se han propuesto varias técnicas para rehabilitar el sector posterior del maxilar atrófico: implantes cortos, extensiones protésicas, injerto sinusal, implante cigomático. El implante pterigoideo es otro de los posibles tratamientos para rehabilitar el sector posterior del maxilar atrófico. Anclado en el hueso cortical de la apófisis del esfenoides el implante pterigoideo evita la necesidad de injertar o utilizar extensiones protésicas. El objetivo de este artículo es analizar las indicaciones, la técnica, complicaciones y supervivencia del implante pterigoideo en el sector posterior del maxilar atrófico.The first and second molar are the teeth most commonly lost in the maxilla, mainly due to periodontal disease and excessive occlusal force. 1 Although partial edentulism of the posterior maxilla is common, implants are seldom placed distal to the premolars because failure rates in the posterior maxilla have historically been high. Poor volume and low density of bone are the worst conditions for long-term anchorage in the maxilla. 7 Moreover, bone under the maxillary sinus, in the atrophic maxilla, is usually insufficient to enable placement of 10 mm implants. Several techniques have been proposed to restore the atrophic posterior maxilla: short implants, prosthetic cantilevers, sinus bone graft, zigomatic fixtures. Pterygoid implants are

  2. Repercusión del implante coclear en el aprendizaje de la lectura de los alumnos sordos: resultados preliminares

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ana Belén DOMÍNGUEZ GUTIÉRREZ

    2009-05-01

    Full Text Available RESUMEN: El propósito de este trabajo es mostrar unos primeros resultados que permitan comprobar la repercusión que están teniendo los implantes cocleares (ayudas técnicas que transforman las señales acústicas en señales eléctricas que estimulan el nervio auditivo en el aprendizaje de la lectura de los alumnos sordos. Para ello, se analizan los mecanismos de lectura desarrollados por dos grupos de alumnos sordos, con y sin implante coclear, a lo largo de la escolaridad obligatoria; tomando como referencia un grupo de alumnos oyentes de la misma edad. Los resultados muestran que existen diferencias en los mecanismos de lectura en función del uso de los implantes cocleares. Los alumnos sordos con implante coclear usan mecanismos semánticos y sintácticos en la lectura de oraciones y emplean códigos ortográficos y fonológicos; mientras que los alumnos sordos sin implante coclear usan preferentemente mecanismos semánticos y códigos ortográficos en lectura. En consecuencia, se analizan las implicaciones de estos resultados para la práctica educativa.ABSTRACT: The first aim of the present paper is to show a preliminary findings about the repercussion of cochlear implant in reading acquisition in deaf children. For this, reading strategies were analyzed in two groups of deaf children, with and without cochlear implants, during compulsory schooling. Their performance was compared with that hearing children of the same chronological age. The findings suggest that there are differences in reading strategies in funtion of the use of cochlear implants. The children who had received a cochlear implantation can use semantic and sintactic strategies in reading sentences, and they can use orthografical and phonological codes; whereas deaf children without cochlear implant use more semantic strategies in reading sentences and orthografical codes. Implications of these results for educational practice are being discussed.

  3. Distracción osteogénica alveolar: una alternativa en la reconstrucción de rebordes alveolares atróficos: Descripción de 10 casos Alveolar distraction osteogenesis: an alternative in the reconstruction of atrophic alveolar ridges: Report of 10 cases

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    P.E. Maurette O’Brien

    2004-02-01

    Full Text Available La distracción osteogénica alveolar (DOA es un método alternativo para la reconstrucción de rebordes alveolares atróficos que ofrece un resultado previsible y que disminuye los tiempo de espera entre la reconstrucción del reborde alveolar atrófico y la colocación de los implantes óseo-integrados, en comparación con los métodos tradicionalmente utilizados. Fueron atendidos 10 pacientes que presentaban deficiencia de reborde alveolar mandibular y/o maxilar por medio de distracción osteogénica, utilizando un dispositivo yuxtaoseo (Conexión Implant System® - SP-Brasil. Todos los pacientes fueron atendidos de forma ambulatoria, bajo anestesia local y sedación conciente, comenzando la activación del dispositivo a los 7 días posteriores a la instalación, con un patrón de activación de 1 mm diarios hasta alcanzar la altura ósea deseada. Posteriormente se aguardaron 10 semanas como parte del periodo de consolidación ósea y se realizo la colocación de los implantes oseointegrados y local y el retiro del dispositivo de distracción, pudiéndose comprobar clínica y radiográficamente la ganancia de la altura y volumen óseo necesario para la rehabilitación por medio de implantes.The alveolar distraction osteogenesis is an alternative method for the reconstruction of atrophic alveolar ridges with success, that decrease the time of wait between the reconstruction of the alveolar ridge and the placement of the osseointegrated implants in comparison with the traditionally used methods. 10 patients that presented deficiency of the alveolar ridge in the maxilla and/or mandible were assisted by means of distraction osteogenesis, using a juxtaosseous device (Conexion Implant System® - SP-Brazil. All the patients were assisted of form ambulatory, under local anesthesia and conscientious sedation, beginning the activation from the device 7 days later to the installation, with a pattern of activation 1 mm diary until reaching the wanted

  4. Comparação da telemetria de resposta neural via cocleostomia ou via janela redonda no implante coclear A comparison between neural response telemetry via cochleostomy or the round window approach in cochlear implantation

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rogério Hamerschmidt

    2012-08-01

    Full Text Available Existem duas técnicas para inserção dos eletrodos do implante coclear (IC: Via cocleostomia ou via janela redonda (JR. OBJETIVO: Comparar a telemetria de resposta neural (NRT no pós-operatório imediato, verificando se há diferenças na estimulação do nervo auditivo entre estas duas técnicas. MÉTODOS: Prospectivo e transversal. Foram avaliados 23 pacientes. Seis submetidos à cirurgia via cocleostomia e 17 via JR. RESULTADOS: Comparação das unidades de corrente médias (UCM para sons agudos: via JR com média de 190,4 (± 29,2 e via cocleostomia 187,8 (± 32,7, p = 0,71. Comparação das UCM para sons intermediários: via JR, média de 192,5 (± 22 e via cocleostomia 178,5 (± 18.5, p = 0,23. Comparação das UCM para sons graves: via JR, média de 183,3 (± 25 e via cocleostomia 163,8 (± 19,3, p = 0,19. CONCLUSÃO: Este estudo não mostrou diferença na captação do potencial de ação da porção distal do nervo auditivo em pacientes usuários do implante coclear multicanal submetidos à cirurgia via cocleostomia ou via JR, utilizando o próprio implante para eliciar o estímulo e gravar as respostas. Portanto, ambas as técnicas estimulam de maneira igual o nervo coclear, e baseado nisto conclui-se, também, que realizar o implante coclear via cocleostomia ou RW é uma escolha que depende da experiência cirúrgica e opção do cirurgião.There are two techniques for cochlear implant (CI electrode placement: cochleostomy and the round window (RW approach. OBJECTIVE: This study aims to compare neural response telemetry (NRT results immediately after surgery to check for possible differences on auditory nerve stimulation between these two techniques. MATERIALS AND METHODS: This is a prospective cross-sectional study. Twenty-three patients were enrolled. Six patients underwent surgery by cochleostomy and 17 had it through the RW approach. RESULTS: Mean charge units (MCU for high frequency sounds: patients submitted to the RW

  5. Resultados preliminares do implante de lente intra-ocular fácica artisan para correção de miopia Preliminary results of artisan phakic intraocular lens implantation to correct myopia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Leonardo Akaishi

    2007-06-01

    Full Text Available OBJETIVOS: Avaliar os resultados preliminares quanto à eficácia, estabilidade e segurança da lente intra-ocular de câmara anterior Artisan em olhos fácicos para correção de miopia. MÉTODOS: Foi analisado retrospectivamente o resultado de 34 olhos fácicos que receberam o implante de lente intra-ocular Artisan para correção de miopia. Os parâmetros avaliados foram: contagem endotelial pré e pós-operatória, acuidade visual sem correção pré e pós-operatória, melhor acuidade visual com correção pré e pós-operatória, equivalente esférico pré e pós-operatório, ganho e perda de linhas de visão e complicações. RESULTADOS: Dezoito pacientes (34 olhos foram incluídos neste estudo. Quatorze eram do sexo feminino (77,8% e 4 do sexo masculino. A idade média dos pacientes era de 30 anos (DP ± 7,3, variando de 21 a 46 anos. O período médio de seguimento foi de 8,5 meses (DP ± 3,6. A média de perda endotelial foi de 4,75% em 6 meses. A acuidade visual sem correção pré-operatória era de 0,02 (20/800 variando de 0,01 a 0,13. O equivalente esférico médio pré-operatório na refração dinâmica era de -13,25 D, variando de -5,75 D a -19,75 D. No último seguimento a acuidade visual sem correção era de 0,64 (20/32 variando de 0,33 a 1,00. O equivalente esférico médio na refração dinâmica era de -1,18 D (DP ± 0,92 variando de + 0,25 a -3,0. Entre as complicações observadas em nosso estudo 1 (3,4% paciente apresentou deslocamento da lente por trauma necessitando de uma segunda intervenção para reposicionamento. CONCLUSÃO: O uso de lente fácica de câmara anterior Artisan para correção de miopia no presente estudo se mostrou seguro, eficaz e com boa previsibilidade. No entanto, estudo prospectivo com maior número de casos e maior seguimento é necessário para determinar a segurança do procedimento a longo prazo.PURPOSE: To observe the preliminary results based on the efficacy, stability and safety of

  6. Short dental implants: an emerging concept in implant treatment.

    Science.gov (United States)

    Al-Hashedi, Ashwaq Ali; Taiyeb Ali, Tara Bai; Yunus, Norsiah

    2014-06-01

    Short implants have been advocated as a treatment option in many clinical situations where the use of conventional implants is limited. This review outlines the effectiveness and clinical outcomes of using short implants as a valid treatment option in the rehabilitation of edentulous atrophic alveolar ridges. Initially, an electronic search was performed on the following databases: Medline, PubMed, Embase, Cochrane Database of Systematic Reviews, and DARE using key words from January 1990 until May 2012. An additional hand search was included for the relevant articles in the following journals: International Journal of Oral and Maxillofacial Implants, Clinical Oral Implants Research, Journal of Clinical Periodontology, International Journal of Periodontics, Journal of Periodontology, and Clinical Implant Dentistry and Related Research. Any relevant papers from the journals' references were hand searched. Articles were included if they provided detailed data on implant length, reported survival rates, mentioned measures for implant failure, were in the English language, involved human subjects, and researched implants inserted in healed atrophic ridges with a follow-up period of at least 1 year after implant-prosthesis loading. Short implants demonstrated a high rate of success in the replacement of missing teeth in especially atrophic alveolar ridges. The advanced technology and improvement of the implant surfaces have encouraged the success of short implants to a comparable level to that of standard implants. However, further randomized controlled clinical trials and prospective studies with longer follow-up periods are needed.

  7. Influência do astigmatismo corneano na acuidade visual final após implante de AcrySof® ReSTOR®: relato de caso Influence of corneal astigmatism in final visual acuity after implantation of AcrySofTM ReSTOR TM: case report

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ricardo de Carvalho Rocha

    2007-12-01

    Full Text Available Atualmente tem-se desenvolvido novos tipos de lentes intra-oculares (LIO que objetivam eliminar a presbiopia e o seu uso vem se popularizando. Descreve-se o caso de um paciente com catarata bilateral e irregularidades corneanas e astigmatismo maior que 2 D à topografia, no qual implantou-se a LIO AcrySof® ReSTOR® no olho esquerdo associado à realização de incisões limbares relaxantes para tentar diminuir o astigmatismo corneano observado. A acuidade visual pós-operatória, tanto para perto quanto para longe, ficou abaixo das expectativas, sem melhora à refração e sem uma outra alteração que a justificasse, além das citadas. Após 45 dias, sem melhora da acuidade visual, efetuou-se o explante desta LIO, seguindo-se de implante de uma monofocal, sendo observada melhora da acuidade visual corrigida final. Assim, o presente caso clínico reforça a necessidade de uma correta seleção pré-operatória dos pacientes candidatos ao implante deste tipo de LIO multifocal, atentando inclusive para os dados topográficos.Currently, new types of intraocular lenses have been developed aiming to eliminate presbyopia and the use has become more popular. The authors report the case of a patient with bilateral cataract and corneal irregularities and astigmatism higher than 2D in the corneal topography, in which AcrySofTM ReSTOR TM intraocular lens was implanted in the left eye associated to relaxing limbal incisions trying to reduce corneal astigmatism. The near and distance postoperative visual acuity were worse than expected, with no improvement with refraction. Apparently, no other reason apart from irregular astigmatism/multifocal lens justified the low vision. After 45 days, with no visual acuity improvement, the intraocular lens was explanted and a monofocal one was implanted. The final corrected visual acuity improved. Thus, the present case emphasizes the need of a correct preoperative selection of patients to implant this type of

  8. Uso do azul de metileno no tratamento de choque anafilático durante anestesia: relato de caso Uso del azul de metileno en el tratamiento de choque anafiláctico durante anestesia: relato de caso Methylene blue to treat anaphylaxis during anesthesia: case report

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Renato Mestriner Stocche

    2004-12-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: No período peri-operatório, o risco de anafilaxia deve sempre ser considerado. A incidência de reações alérgicas em anestesia é controversa, variando entre 1/3000 a 1/20.000, com mortalidade entre 3% e 9 %. Neste caso, relata-se o uso do azul de metileno como coadjuvante ao tratamento do choque anafilático refratário à terapêutica tradicional. RELATO DO CASO: Paciente do sexo masculino, 53 anos, submetido a herniorrafia inguinal sob raquianestesia. No final do procedimento, ao receber dipirona (1,5 g, por via venosa, o paciente imediatamente apresentou broncoespasmo, cianose, diminuição da SpO2 e da PAS, culminando com parada cardiorrespiratória. Foi iniciada reanimação cardiorrespiratória com massagem cardíaca externa, seguida de IOT e injeção de adrenalina (1 mg, atropina (1 mg, restabelecendo-se FC de 150 bpm, porém sem pulso palpável. Administrou-se mais 1 mg de adrenalina além de 1 g de hidrocortisona, com restabelecimento de pulso central (8 minutos. Apesar de receber dopamina (20 µg.kg-1.min-1, o paciente manteve-se hipotenso (60 mmHg até 80 minutos. Administraram-se 100 mg de azul de metileno por via venosa, quando houve aumento da PAS para 85 e 105 mmHg, após a segunda dose. Seguiu-se da diminuição da dose de dopamina de 20 para 10, 7, 5 e, finalmente, 2 µg.kg-1.min-1. CONCLUSÕES: A anafilaxia tem como principal mediador a liberação de histamina, que induz a produção de óxido nítrico (NO, com conseqüente aumento da guanilato ciclase que promove vasodilatação arteriolar por aumento do GMP cíclico. O azul de metileno pode ser útil nestas situações, pois inibe a guanilato ciclase e conseqüentemente a vasodilatação, o que resulta em melhora hemodinâmica.JUSTIFICATIVA Y OBJETIVOS: En el período peri-operatorio, el riesgo de anafilaxis siempre debe ser considerado. La incidencia de reacciones alérgicas en anestesia es polémica, variando entre 1/3000 a 1/20.000, con

  9. Colgajo dermoglandular de apoyo en mastopexia con implantes: técnica de la hamaca

    OpenAIRE

    A. Alí; C. Zuleta-Bechara; V. Vassaro

    2013-01-01

    La ptosis mamaria es consulta frecuente en la práctica del cirujano plástico, y las opciones quirúrgicas para su corrección son múltiples. A pesar de los avances en el tratamiento de esta alteración, los resultados impredecibles y las posibles complicaciones siguen siendo frecuentes, sobre todo cuando se asocia la colocación de implantes mamarios. La dehiscencia de la herida, la exposición del implante y la modificación de la forma de la mama, en especial del polo inferior, pueden estar prese...

  10. Number of implants for mandibular implant overdentures: a systematic review

    Science.gov (United States)

    Lee, Jeong-Yol; Kim, Ha-Young; Bryant, S. Ross

    2012-01-01

    PURPOSE The aim of this systematic review is to address treatment outcomes of Mandibular implant overdentures relative to implant survival rate, maintenance and complications, and patient satisfaction. MATERIALS AND METHODS A systematic literature search was conducted by a PubMed search strategy and hand-searching of relevant journals from included studies. Randomized Clinical Trials (RCT) and comparative clinical trial studies on mandibular implant overdentures until August, 2010 were selected. Eleven studies from 1098 studies were finally selected and data were analyzed relative to number of implants. RESULTS Six studies presented the data of the implant survival rate which ranged from 95% to 100% for 2 and 4 implant group and from 81.8% to 96.1% for 1 and 2 implant group. One study, which statistically compared implant survival rate showed no significant differences relative to the number of implants. The most common type of prosthetic maintenance and complications were replacement or reattaching of loose clips for 2 and 4 implant group, and denture repair due to the fracture around an implant for 1 and 2 implant groups. Most studies showed no significant differences in the rate of prosthetic maintenance and complication, and patient satisfaction regardless the number of implants. CONCLUSION The implant survival rate of mandibular overdentures is high regardless of the number of implants. Denture maintenance is likely not inflenced substantially by the number of implants and patient satisfaction is typically high again regardless os the number of implants. PMID:23236572

  11. 158. Extracción quirúrgica de electrodos de marcapasos y desfibrilador asistida con láser excimer

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    V.X. Mosquera Rodríguez

    2012-04-01

    Conclusiones: El láser Excimer se presenta como una alternativa eficaz para la extracción de electrodos intravasculares con resultados excelentes en nuestra serie, permitiendo tratar algunos pacientes que difícilmente podrían ser abordados con otras técnicas existentes. El riesgo de complicaciones cardiovasculares mayores exige que la técnica sea efectuada bajo anestesia general en un quirófano habilitado para cirugía cardíaca.

  12. Primary prevention of peri-implantitis: managing peri-implant mucositis.

    Science.gov (United States)

    Jepsen, Søren; Berglundh, Tord; Genco, Robert; Aass, Anne Merete; Demirel, Korkud; Derks, Jan; Figuero, Elena; Giovannoli, Jean Louis; Goldstein, Moshe; Lambert, France; Ortiz-Vigon, Alberto; Polyzois, Ioannis; Salvi, Giovanni E; Schwarz, Frank; Serino, Giovanni; Tomasi, Cristiano; Zitzmann, Nicola U

    2015-04-01

    Over the past decades, the placement of dental implants has become a routine procedure in the oral rehabilitation of fully and partially edentulous patients. However, the number of patients/implants affected by peri-implant diseases is increasing. As there are--in contrast to periodontitis--at present no established and predictable concepts for the treatment of peri-implantitis, primary prevention is of key importance. The management of peri-implant mucositis is considered as a preventive measure for the onset of peri-implantitis. Therefore, the remit of this working group was to assess the prevalence of peri-implant diseases, as well as risks for peri-implant mucositis and to evaluate measures for the management of peri-implant mucositis. Discussions were informed by four systematic reviews on the current epidemiology of peri-implant diseases, on potential risks contributing to the development of peri-implant mucositis, and on the effect of patient and of professionally administered measures to manage peri-implant mucositis. This consensus report is based on the outcomes of these systematic reviews and on the expert opinion of the participants. Key findings included: (i) meta-analysis estimated a weighted mean prevalence for peri-implant mucositis of 43% (CI: 32-54%) and for peri-implantitis of 22% (CI: 14-30%); (ii) bleeding on probing is considered as key clinical measure to distinguish between peri-implant health and disease; (iii) lack of regular supportive therapy in patients with peri-implant mucositis was associated with increased risk for onset of peri-implantitis; (iv) whereas plaque accumulation has been established as aetiological factor, smoking was identified as modifiable patient-related and excess cement as local risk indicator for the development of peri-implant mucositis; (v) patient-administered mechanical plaque control (with manual or powered toothbrushes) has been shown to be an effective preventive measure; (vi) professional intervention

  13. Anestesia Epidural en Cirugía Obstétrica

    OpenAIRE

    Pérez Villarejo, Gonzalo Javier

    2015-01-01

    El manejo de la gestante es un reto para todos los componentes de un Hospital Maternal, siendo un tratamiento multidisciplinar y analizado desde varios puntos de vista, participando el matrón, obstetra y anestesiólogo en el proceso asistencial del parto y teniendo la gestante cada vez más participación del mismo. Nuestro objetivo final es que la seguridad materno-fetal y el resultado del parto sean satisfactorios. Y para ello son muchas las variables a controlar tanto maternales, de la id...

  14. Evaluation of pre-tightening in abutments and prosthetic screws on different implant connections = Avaliação do pré-aparafusamento em pilares e parafusos protéticos em diferentes conexões de implante

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Panza, Leonardo Henrique Vadenal

    2010-01-01

    Conclusão: Os tipos de conexão do implante ou pilar fetaram a manutenção do préaparafusamento. As conexões de hexágono interno e externo foram efetivas para evitar o deslocamento horizontal das coroas

  15. Cirurgias conservadoras do baço para tratamento da esplenomegalia por mielofibrose

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Petroianu Andy

    2002-01-01

    Full Text Available A mielofibrose idiopática é uma doença mieloproliferativa crônica, que pode evoluir com hepatoesplenomegalia, também denominada metaplasia, e acometer vários órgãos. Ocasionalmente, o baço alcança proporções gigantescas e precisa ser retirado. Entretanto, esse procedimento é seguido de elevada morbidade e mortalidade. As esplenectomias parciais, que preservam o pedículo esplênico, foram propostas para reduzir complicações pós-operatórias. Após melhora transitória do quadro clínico, surge a recorrência da esplenomegalia e da sintomatologia. A presente comunicação relata duas alternativas para tratamento de esplenomegalia: a esplenectomia subtotal, com preservação do pólo esplênico superior suprido apenas pelos vasos esplenogástricos, e a esplenectomia total, com auto-implantes de tecido esplênico. Realizamos a esplenectomia subtotal em cinco pacientes. O acompanhamento por até dez anos e a melhora clínica dos doentes sugerem que essa operação deva ser considerada para o tratamento de baços gigantes devido à esplenomegalia decorrente de mielofibrose. Um outro paciente foi submetido a esplenectomia total e auto-implante esplênico no omento maior. No seguimento de três anos deste último paciente, não foram registradas complicações relacionadas ao remanescente esplênico. Entretanto, o paciente necessitou de controle hematológico intensivo por causa da gravidade de sua doença de base. Concluindo, se for indicada operação para complementar a terapêutica hematológica da esplenomegalia, deve-se realizar um procedimento conservador do baço. A esplenectomia subtotal ou a esplenectomia total com auto-implantes de tecido esplênico são duas boas escolhas em tais situações.

  16. Carga inmediata con implantes en maxilar superior Immediate loading of implants in the maxilla

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    F. Monje Gil

    2007-08-01

    Full Text Available La carga inmediata en la mandíbula se ha incorporado a la práctica clínica en primer lugar y, por las características del hueso, se realiza de forma protocolizada. Sin embargo, en el maxilar superior no hay evidencia científica para realizarlo de forma cotidiana. Las razones son debidas a que el maxilar superior, en general, alberga una masa ósea de menor densidad. Por otro lado, en el maxilar superior pueden coexistir diferentes densidades óseas (según la clasificación de Misch en el mismo individuo. Además, por las características anatómicas del maxilar superior (reabsorción labiopalatina el alineamiento axial es asumible pero, sin embargo, el paralelismo de los implantes es difícil.16,17 El objetivo del presente trabajo es analizar la información científica de la que disponemos para confirmar si es posible la carga inmediata sobre el maxilar superior. Para ello estudiaremos varios aspectos de la carga inmediata en el maxilar superior: • Sobredentaduras • Prótesis fija completa • Prótesis parcial fija • Prótesis unitaria fija • Requerimientos protésicos • ContraindicacionesImmediate loading in the mandible has been introduced into clinical practice taking first place and, and because of the characteristics of the bone, this is carried out following a protocol. However, in the maxilla there is no scientific evidence for routinely carrying this out. This is because the maxilla, in general, has a lower bone mass density. Moreover, in the maxilla various densities may coexist (according to Misch’s classification in the same individual. In addition, given the anatomic characteristics of the maxilla (lip and palate resorption, axial alignment can be carried out, but implant parallelism is difficult.16,17 The aim of this paper is to analyze the scientific information that we have at our disposal in order to confirm whether immediate loading in the maxilla is possible. For this we will study various aspects of

  17. Scalloped Implant-Abutment Connection Compared to Conventional Flat Implant-Abutment Connection

    DEFF Research Database (Denmark)

    Starch-Jensen, Thomas; Christensen, Ann-Eva; Lorenzen, Henning

    2017-01-01

    OBJECTIVES: The objective was to test the hypothesis of no difference in implant treatment outcome after installation of implants with a scalloped implant-abutment connection compared to a flat implant-abutment connection. MATERIAL AND METHODS: A MEDLINE (PubMed), Embase and Cochrane library search...... of suprastructures has never been compared within the same study. High implant survival rate was reported in all the included studies. Significantly more peri-implant marginal bone loss, higher probing depth score, bleeding score and gingival score was observed around implants with a scalloped implant-abutment...... loss around implants with a scalloped implant-abutment connection. CONCLUSIONS: A scalloped implant-abutment connection seems to be associated with higher peri-implant marginal bone loss compared to a flat implant-abutment connection. Therefore, the hypothesis of the present systematic review must...

  18. Neurocomportamento de recém-nascidos a termo, pequenos para a idade gestacional, filhos de mães adolescentes Neurobehavior of full-term small for gestational age newborn infants of adolescent mothers

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marina C. de Moraes Barros

    2008-06-01

    Full Text Available OBJETIVO: Comparar o neurocomportamento de recém-nascidos a termo pequenos (PIG e adequados (AIG para a idade gestacional, filhos de mães adolescentes. MÉTODOS: Estudo transversal prospectivo de nascidos a termo AIG e PIG, com 24-72 horas de vida, sem afecções do sistema nervoso central. Os neonatos foram avaliados por meio da Neonatal Intensive Care Unit Network Neurobehavioral Scale (NNNS para: habituação, atenção, despertar, controle, manobras para a orientação, qualidade dos movimentos, excitabilidade, letargia, reflexos não ótimos, assimetria, hipertonia, hipotonia e sinais de estresse e abstinência. A comparação dos grupos AIG e PIG foi feita por análise de variância e teste do qui-quadrado. Aplicou-se a regressão multivariada para analisar os fatores associados ao escore de cada variável do NNNS. RESULTADOS: Dos 3.685 nascidos no local do estudo, 928 (25% eram de mães adolescentes. Desses, 477 satisfizeram os critérios de inclusão, sendo 419 (88% AIG e 58 (12% PIG. A análise univariada não mostrou diferença em nenhuma das variáveis da NNNS entre os PIG e os AIG. Na análise multivariada, os PIG nascidos de parto vaginal apresentaram menor escore na variável qualidade de movimentos do que os nascidos por cesárea. Os PIG nascidos com anestesia local ou sem anestesia apresentaram maior escore na variável excitabilidade do que os nascidos sob anestesia loco-regional. Os PIG femininos tiveram menor escore na variável sinais de estresse/abstinência que os masculinos. CONCLUSÃO: Os recém-nascidos PIG de mães adolescentes mostraram menor qualidade de movimento, mais excitabilidade e mais sinais de estresse, em associação com o sexo do neonato e com variáveis relacionadas ao parto.OBJECTIVE: To compare the neurobehavior of small (SGA and adequate (AGA for gestational age full-term neonates born to adolescent mothers. METHODS: This prospective cross-sectional study included full-term newborn infants aged 24

  19. Cirugía de catarata con anestesia tópica en pacientes con condiciones especiales Results of catact surgery with topical anesthesia in patients with special conditions

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Henry Pérez González

    2012-06-01

    Full Text Available Objetivo: Determinar los resultados de la cirugía de catarata por técnica de Blumenthal con anestesia tópica en pacientes con condiciones especiales en el Centro Oftalmológico "José Martí", Uruguay. Métodos: Se realizó un estudio descriptivo, longitudinal prospectivo. El universo estuvo constituido por 99 pacientes con necesidad de cirugía de catarata, evaluados en la unidad de rehabilitación básica funcional durante el año 2010, la muestra por 67 pacientes mayores de 18 años portadores de alguna "condición especial" sometidos a cirugía con uso de anestesia tópica, previa evaluación y entrenamiento. Resultados: Los principales motivos de derivación a la unidad fueron los trastornos auditivos (44,78 % y las crisis nerviosas (25,37 %. El 44,78 % de los pacientes presentó una edad mayor a los 79 años, 53,74 % eran hombres y prevaleció la catarata senil (85,07 %. La única complicación intraoperatoria fue la rotura de cápsula posterior (1,49 % y el edema corneal transitorio en el posoperatorio, observado en un 7,46 %. El 77,61 % alcanzó una buena agudeza visual posterior a la cirugía. Conclusiones: Los resultados de la cirugía de catarata con uso de anestesia tópica en pacientes con condiciones especiales fueron satisfactorios. Se observó una notable mejoría de la agudeza visual con un mínimo de complicaciones.Objective: To determine the results of cataract surgery with Blumenthal technique and topical anesthesia in patients with special conditions in “José Martí” Ophthalmological Center in Uruguay during 2010. Methods: A prospective, longitudinal and descriptive was carried out. The universe of study was 99 patients needing cataract surgery after being evaluated by the Basic Functional Rehabilitation Unit during 2010. The sample was 67 patients over 18 years-old carrying a “special condition”, who underwent cataract surgery with topical anesthesia, after evaluation and training. Results: The main reasons for

  20. Effects of constant rate infusion of anesthetic or analgesic drugs on general anesthesia with isoflurane: A retrospective study in 200 dogs Efeitos da infusão intravenosa contínua de fármacos anestésicos ou analgésicos sobre a anestesia geral com isoflurano: Estudo retrospectivo em 200 cães

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Sofia de Amorim Cerejo

    2013-09-01

    ésicos ou analgésicos no período perioperatório durante 2011 e 2012 no Hospital Veterinário da Universidade de Franca (Unifran. Foram identificadas possíveis complicações durante o período trans-operatório. Os registros avaliados incluíram estado clínico, exames laboratoriais, fármacos utilizados na pré-medicação e indução, e protocolos de IC. Acepromazina e morfina foram os principais fármacos usados na pré-medicação. O propofol foi utilizado para induzir a anestesia, isolado ou em associação com outros agentes. Foram avaliados os registros de 25 protocolos diferentes de IC. O fentanil foi o principal fármaco utilizado na IC, isoladamente ou em associação. Houve 128 episódios de complicações anestésicas durante a IC; os mais comuns foram hipotensão, hipertensão e taquicardia, que ocorreram em 43 (32%, 35 (26,3%, e 19 (14,2% cães, respectivamente. Arritmia cardíaca foi relatada em apenas 4 cães. Sinais de depressão respiratória estiveram presentes em cães tratados com 6 diferentes protocolos de IC, especialmente com fentanil. O consumo de isoflurano (vol.% reduziu entre 15,7% e 21,05%, após 30 minutos da IC nos grupos fentanil e fentanil-lidocaína-cetamina (p <0,05. Em conclusão, a IC é um componente válido da anestesia balanceada em cães, segura e tem baixa incidência de efeitos adversos. No entanto, estudos futuros são necessários para descrever os resultados do uso clínico da IC para melhor caracterizar e aperfeiçoar esta técnica.

  1. Exodoncia atraumática e implante post exodoncia sin colgajo combinado con injerto gingival libre

    OpenAIRE

    García Linares, Sixto; Yon Guerrero, Helen

    2010-01-01

    Presentamos un caso donde se describe la técnica de exodoncia atraumática, colocación de un implante post exodoncia y cierre por primera intención mediante un injerto gingival libre. El uso de implantes post exodoncia necesita varias condiciones para poder realizarse, entre ellas: paredes óseas conservadas, hueso alveolar más allá del ápice mayor a 4 mm. , margen gingival conservado, ausencia de fístula, etc. El injerto gingival libre permite una cicatrización por primera intención n...

  2. Entropia: um novo método de mensuração da profundidade da anestesia. Estudo comparativo com o índice bispectral na avaliação clínica da intubação traqueal com sevoflurano

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Nunes Rogean Rodrigues

    2004-01-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: Entropia espectral, um novo método de análise do EEG, baseado na quantificação do caos do EEG, foi desenvolvido para monitorização da profundidade anestésica. Ele separa a monitorização em dois tipos de análise: entropia de estado (SE, que inclui sinais de baixa freqüência (< 32 Hz e entropia de resposta (RE, que inclui sinais com freqüência até 47 Hz. O objetivo deste estudo foi comparar os valores de entropia com os do BIS e respostas sub-corticais à intubação orotraqueal, em pacientes submetidos à anestesia geral com sevoflurano. MÉTODO: Participaram do estudo 36 pacientes com idades entre 20 e 44 anos, ASA I, distribuídos em quatro grupos de nove, submetidos à intubação orotraqueal (IOT. Em todos os grupos, a anestesia foi induzida com sevoflurano, associado ou não ao fentanil, de acordo com o seguinte: (G1 = sevoflurano e 2,5 µg.kg-1 de fentanil; G2 = sevoflurano e 5 µg.kg-1 de fentanil; G3 = sevoflurano e 7,5 µg.kg-1 de fentanil e G4 = sevoflurano e solução fisiológica. Foram avaliados os seguintes parâmetros: PAS, PAD, FC, BIS, SE, RE, concentração expirada do sevoflurano (CE e resposta motora à IOT em três momentos: M1 = imediatamente antes da indução; M2 = imediatamente antes da intubação traqueal e M3 = um minuto após a intubação traqueal. RESULTADOS: Os valores de BIS e SE variaram de maneira linear em todos os grupos, com diferenças significativas entre M2 e M3 nos grupos G1 e G4, tendo ambos (BIS e SE apresentado valores acima dos limítrofes entre consciência e inconsciência no momento M3 do G4. Em relação ao RE, apenas o G3 não mostrou variações estatisticamente significativas entre os momentos M2 e M3. As variações hemodinâmicas não ultrapassaram valores clinicamente significativos, exceto elevações da FC no G4 entre os momentos M1 e M3 (p < 0,05%. No G1, 66% dos pacientes reagiram as manobras de IOT e 100% no grupo G4. CONCLUSÕES: Este estudo

  3. Why are mini-implants lost: the value of the implantation technique!

    Science.gov (United States)

    Romano, Fabio Lourenço; Consolaro, Alberto

    2015-01-01

    The use of mini-implants have made a major contribution to orthodontic treatment. Demand has aroused scientific curiosity about implant placement procedures and techniques. However, the reasons for instability have not yet been made totally clear. The aim of this article is to establish a relationship between implant placement technique and mini-implant success rates by means of examining the following hypotheses: 1) Sites of poor alveolar bone and little space between roots lead to inadequate implant placement; 2) Different sites require mini-implants of different sizes! Implant size should respect alveolar bone diameter; 3) Properly determining mini-implant placement site provides ease for implant placement and contributes to stability; 4) The more precise the lancing procedures, the better the implant placement technique; 5) Self-drilling does not mean higher pressures; 6) Knowing where implant placement should end decreases the risk of complications and mini-implant loss.

  4. Why are mini-implants lost: The value of the implantation technique!

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fabio Lourenço Romano

    2015-02-01

    Full Text Available The use of mini-implants have made a major contribution to orthodontic treatment. Demand has aroused scientific curiosity about implant placement procedures and techniques. However, the reasons for instability have not yet been made totally clear. The aim of this article is to establish a relationship between implant placement technique and mini-implant success rates by means of examining the following hypotheses: 1 Sites of poor alveolar bone and little space between roots lead to inadequate implant placement; 2 Different sites require mini-implants of different sizes! Implant size should respect alveolar bone diameter; 3 Properly determining mini-implant placement site provides ease for implant placement and contributes to stability; 4 The more precise the lancing procedures, the better the implant placement technique; 5 Self-drilling does not mean higher pressures; 6 Knowing where implant placement should end decreases the risk of complications and mini-implant loss.

  5. Factors associated to the development of hypothermia in the intraoperative period Factores relacionados al desarrollo de hipotermia en el período intraoperatorio Fatores relacionados ao desenvolvimento de hipotermia no período intra-operatório

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Vanessa de Brito Poveda

    2009-04-01

    Full Text Available This study aimed to assess factors associated to body temperature changes intraoperatively in patients undergoing elective surgery. A prospective study including 70 patients was carried out in a charity hospital. A data collection instrument was developed and its face and content validity was established. The variables measured were operating room temperature and humidity and patient body temperature at different times. In the multivariate linear regression, the variables type of anesthesia, duration of anesthesia, body mass index, and operating room temperature were directly associated to mean body temperature. Nurses are responsible for planning and implementing effective interventions that can contribute to minimize costs and most importantly reduce hypothermia complications.La investigación tuvo como objetivo analizar los factores relacionados a las alteraciones de la temperatura corporal del paciente sometido a cirugía electiva en el período intraoperatorio. Para esto, se realizó un estudio de correlación, prospectivo, en un hospital filantrópico. Fue elaborado un instrumento y sometido a validación aparente y de contenido, el cual fue utilizado para recolectar datos de 70 pacientes. La temperatura y humedad de la sala de operación y la temperatura corporal del paciente, en diferentes momentos, fueron las variables mensuradas. En la regresión linear multivariada, las variables: tipo de anestesia, duración de la anestesia, índice de masa corporal y temperatura de la sala de operación estaban directamente relacionadas a la temperatura corporal promedio de los sujetos investigados. Es el enfermero quien debe planificar e implementar intervenciones efectivas que contribuyan para minimizar los costos y principalmente reducir las complicaciones asociadas a la hipotermia.A pesquisa teve como objetivo analisar os fatores relacionados às alterações da temperatura corporal do paciente submetido à cirurgia eletiva no período intra

  6. Evaluación del osteocoral como material de implante en bolsas infraóseas de dientes multirradiculares

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Tania Sotomayor Marín

    1999-12-01

    Full Text Available Se evalúa la eficacia del osteocoral como material de implante en el tratamiento de bolsas infraóseas en dientes multirradiculares. Se analizaron 14 pacientes que se dividieron en 2 grupos: el primero incluyó a 6 pacientes con un total de 12 defectos, los cuales se evaluaron hasta los 6 meses. El segundo, con 8 pacientes y 16 defectos, que se reevaluaron a los 12 y 24 meses. En los 2 grupos se incluyeron pacientes de ambos sexos, que fueron implantados con osteocoral (grupo estudio y con hidroxiapatita (grupo control. Se realizó reparación inicial que incluyó remoción de cálculo y pulido de la superficie dentaria, educación y motivación y evaluación del cepillado, que debía mostrar valores iguales o mayores del 80 % en la remoción de placa dentobacteriana. Posteriormente se realizó el implante mediante operación a colgajo. Se realizaron radiografías de control a los 14 días, 6 meses (para el primer grupo y 12 y 24 meses (para el segundo grupo. Se controló sistemáticamente la higiene bucal en ambos grupos. Se controlaron nuevamente los indicadores clínicos a los 6 meses para el primer grupo, y a los 12 y 24 meses para el segundo. Se observó una disminución estadísticamente significativa en el índice gingival, profundidad de la bolsa y movilidad dentaria para ambos materiales implantológicos, sin que se reportaran grandes diferencias entre éstos. Radiográficamente se observó la presencia de relleno en el defecto original, y no hubo reacciones locales adversas, por lo que se consideró efectivo el tratamiento.Effectiveness of osteocoral was assessed as material for implants at infraosseous pockets of multirooted teeth. 14 analised patients were divided into 2 groups: first, included 6 cases and 16 defects, which were evaluated ultil 6 months. Second, included 8 cases and 16 defects, evaluated at 12 and 24 months. In both groups, males and women, were included underwent to implants with osteocoral (study group and

  7. O uso de implantes orbitários de polietileno granulado de ultra-alto peso molecular no reparo de cavidades anoftálmicas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    João Edward Soranz Filho

    2012-08-01

    Full Text Available OBJETIVO: Alterações oculares, em especial a perda de volume nas cavidades evisceradas, promovem uma série de modificações ao paciente tanto funcional do órgão quanto psicológica e estética. Para tanto a procura de um material de baixo custo e com biocompatibilidade tem sido uma constante na literatura. Portanto, esse trabalho teve como objetivo testar experimentalmente implante de polietileno granulado de ultra-alto peso molecular, material de baixo custo, em órbitas de coelhos submetidos à evisceração cirúrgica em vários tempos experimentais, onde foram avaliados aspectos macroscópicos e microscópicose de toxicidade sistêmica do material. MÉTODOS: Para esse estudo foram utilizados coelhos Oryctolaguscuniculus submetidos à evisceração do globo ocular direito e posteriormente implantados com esfera de polietileno granulado de ultra-alto peso molecular e analisados por 15, 30, 90 e 180 dias pós-implante, com parâmetros macro, microscópios e bioquímicos. Os animais controles foram submetidos ao mesmo procedimento sem, entretanto a colocação do implante. RESULTADOS: Os resultados desse trabalho mostram que o material utilizado no implante de cavidade não apresenta alteração significativa nos parâmetros de peso e bioquímicos quando comparados ao grupo controle. O material implantado apresentou uma grande interação com o tecido do hospedeiro. CONCLUSÃO: Os resultados indicam que implante de polietileno granulado de alto peso molecular desenvolvido por uma indústria nacional tem alto potencial para se realizar testes em humanos.

  8. Primary prevention of peri-implantitis: Managing peri-implant mucositis

    OpenAIRE

    Jepsen, Søren; Berglundh, Tord; Genco, Robert; Aass, Anne Merete; Demirel, Korkud; Derks, Jan; Figuero, Elena; Giovannoli, Jean Louis; Goldstein, Moshe; LAMBERT, France; Ortiz-Vigon, Alberto; Polyzois, Ioannis; Salvi, Giovanni; Schwarz, Frank; Serino, Giovanni

    2015-01-01

    Abstract AIMS: Over the past decades, the placement of dental implants has become a routine procedure in the oral rehabilitation of fully and partially edentulous patients. However, the number of patients/implants affected by peri-implant diseases is increasing. As there are--in contrast to periodontitis--at present no established and predictable concepts for the treatment of peri-implantitis, primary prevention is of key importance. The management of peri-implant mucositis is considere...

  9. Osteogenesis and Morphology of the Peri-Implant Bone Facing Dental Implants

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marco Franchi

    2004-01-01

    Full Text Available This study investigated the influence of different implant surfaces on peri-implant osteogenesis and implant face morphology of peri-implant tissues during the early (2 weeks and complete healing period (3 months. Thirty endosseous titanium implants (conic screws with differently treated surfaces (smooth titanium = SS, titanium plasma sprayed = TPS, sand-blasted zirconium oxide = Zr-SLA were implanted in femur and tibiae diaphyses of two mongrel sheep. Histological sections of the implants and surrounding tissues obtained by sawing and grinding techniques were observed under light microscopy (LM. The peri-implant tissues of other samples were mechanically detached from the corresponding implants to be processed for SEM observation. Two weeks after implantation, we observed osteogenesis (new bone trabeculae around all implant surfaces only where a gap was present at the host bone-metal interface. No evident bone deposition was detectable where threads of the screws were in direct contact with the compact host bone. Distance osteogenesis predominated in SS implants, while around rough surfaces (TPS and Zr-SLA, both distance and contact osteogenesis were present. At SEM analysis 2 weeks after implantation, the implant face of SS peri-implant tissue showed few, thin, newly formed, bone trabeculae immersed in large, loose, marrow tissue with blood vessels. Around the TPS screws, the implant face of the peri-implant tissue was rather irregular because of the rougher metal surface. Zr-SLA screws showed more numerous, newly formed bone trabeculae crossing marrow spaces and also needle-like crystals in bone nodules indicating an active mineralising process. After 3 months, all the screws appeared osseointegrated, being almost completely covered by a compact, mature, newly formed bone. However, some marrow spaces rich in blood vessels and undifferentiated cells were in contact with the metal surface. By SEM analysis, the implant face of the peri-implant

  10. Estudio in vitro de permeabilidad, porosidad y crecimiento celular en membranas electrohiladas para prótesis vasculares

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Raúl A. Valencia

    2017-03-01

    Conclusiones: La variación de estructuras microporosas de gran área superficial para obtener implantes con la técnica de electrospinning, incide en el crecimiento celular y subsecuentemente en la permeabilidad y la porosidad, hecho que abre una gran oportunidad para su uso potencial en aplicaciones vasculares de diámetros pequeños.

  11. Survival of dental implants placed in sites of previously failed implants.

    Science.gov (United States)

    Chrcanovic, Bruno R; Kisch, Jenö; Albrektsson, Tomas; Wennerberg, Ann

    2017-11-01

    To assess the survival of dental implants placed in sites of previously failed implants and to explore the possible factors that might affect the outcome of this reimplantation procedure. Patients that had failed dental implants, which were replaced with the same implant type at the same site, were included. Descriptive statistics were used to describe the patients and implants; survival analysis was also performed. The effect of systemic, environmental, and local factors on the survival of the reoperated implants was evaluated. 175 of 10,096 implants in 98 patients were replaced by another implant at the same location (159, 14, and 2 implants at second, third, and fourth surgeries, respectively). Newly replaced implants were generally of similar diameter but of shorter length compared to the previously placed fixtures. A statistically significant greater percentage of lost implants were placed in sites with low bone quantity. There was a statistically significant difference (P = 0.032) in the survival rates between implants that were inserted for the first time (94%) and implants that replaced the ones lost (73%). There was a statistically higher failure rate of the reoperated implants for patients taking antidepressants and antithrombotic agents. Dental implants replacing failed implants had lower survival rates than the rates reported for the previous attempts of implant placement. It is suggested that a site-specific negative effect may possibly be associated with this phenomenon, as well as the intake of antidepressants and antithrombotic agents. © 2016 John Wiley & Sons A/S. Published by John Wiley & Sons Ltd.

  12. Hipotensão arterial em cirurgia de revascularização do miocárdio: influência dos inibidores da enzima conversora de angiotensina Hipotensión arterial en cirugía de revascularización del miocardio: influencia de los inhibidores de la enzima conversora de angiotensina Arterial hypotension in myocardial revascularization surgery: influence of angiotensin-converting enzyme inhibitors

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Míriam Gomes Jordão

    2002-04-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: Os inibidores da enzima conversora da angiotensina (IECA são drogas muito utilizadas em estados hipertensivos e insuficiência cardíaca. Seu uso prolongado pode acarretar instabilidade hemodinâmica com episódios hipotensivos durante a indução anestésica. O objetivo deste estudo é comparar a incidência de hipotensão arterial em pacientes cronicamente tratados com IECA com pacientes não tratados com IECA, quando submetidos à anestesia para cirurgia de revascularização do miocárdio. MÉTODO: Participaram do estudo 50 pacientes, estado físico ASA II, III e IV, divididos em dois grupos: Grupo 1 - pacientes tratados com IECA por mais de dois meses e Grupo 2 - pacientes que não fazem uso de IECA. Os parâmetros avaliados foram pressão arterial média (PAM, freqüência cardíaca (FC, sendo anotados os menores valores da PAM e FC verificados em diferentes períodos da anestesia, e análise do segmento ST em D II e V5. Durante a CEC, foi determinada a resistência vascular sistêmica. RESULTADOS: A incidência de hipotensão arterial em pacientes anestesiados em uso de IECA foi maior do que no grupo controle em vários períodos da anestesia, mas principalmente na indução anestésica. Neste grupo foi necessário o uso de dopamina por tempo mais prolongado. Dos 26 pacientes tratados previamente com IECA, 23% necessitaram de drogas para correção da hipotensão desde a indução até a CEC e 19,1% em outros períodos da anestesia, perfazendo um total de 42,3%. No grupo controle nenhum paciente necessitou infusão contínua de drogas para aumentar a pressão arterial sistêmica, da indução até a CEC. Porém, 21% dos pacientes deste grupo necessitaram dopamina ou araminol em um ou mais períodos da anestesia. CONCLUSÕES: Neste estudo, os pacientes tratados com IECA, por tempo prolongado, apresentam maior incidência de hipotensão arterial na indução anestésica, necessitando, com maior freqüência, de

  13. Sub-meninges implantation reduces immune response to neural implants.

    Science.gov (United States)

    Markwardt, Neil T; Stokol, Jodi; Rennaker, Robert L

    2013-04-15

    Glial scar formation around neural interfaces inhibits their ability to acquire usable signals from the surrounding neurons. To improve neural recording performance, the inflammatory response and glial scarring must be minimized. Previous work has indicated that meningeally derived cells participate in the immune response, and it is possible that the meninges may grow down around the shank of a neural implant, contributing to the formation of the glial scar. This study examines whether the glial scar can be reduced by placing a neural probe completely below the meninges. Rats were implanted with sets of loose microwire implants placed either completely below the meninges or implanted conventionally with the upper end penetrating the meninges, but not attached to the skull. Histological analysis was performed 4 weeks following surgical implantation to evaluate the glial scar. Our results found that sub-meninges implants showed an average reduction in reactive astrocyte activity of 63% compared to trans-meninges implants. Microglial activity was also reduced for sub-meninges implants. These results suggest that techniques that isolate implants from the meninges offer the potential to reduce the encapsulation response which should improve chronic recording quality and stability. Published by Elsevier B.V.

  14. Acuidade visual em implantes bilaterais de lentes intra-oculares monofocais e multifocais Visual acuity of bilateral implants of monofocal and multifocal intraocular lenses

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Leonardo Akaishi

    2003-01-01

    Full Text Available OBJETIVO: Comparar a acuidade visual de longe e perto de pacientes submetidos à facoemulsificação binocular não simultânea com implante de lentes multifocais ou monofocais. MÉTODOS: Foram selecionados 20 pacientes com lentes multifocais bilaterais e outros 20 pacientes com lentes monofocais também bilaterais, com acuidade visual sem correção melhor ou igual a 0,63 (20/30, medidos separadamente, nos três primeiros meses de pós-operatório. Foi medida a acuidade visual para longe e perto com e sem correção e testes de sensibilidade ao contraste e ofuscamento. RESULTADOS: A acuidade visual sem correção para longe no grupo das monofocais teve média de 0,82 (DP± 0,16 e no grupo das multifocais, 0,94 (DP±0,12, valor de p 0,001. Os dois grupos de lentes tiveram visão com correção para longe igual a 1. No grupo das multifocais, 75% tiveram J1 e 100% tiveram J3 ou melhor sem correção. No grupo das lentes monofocais, 10% tiveram J1 e 70% tiveram J3 ou melhor sem correção. Não houve diferença significante na avaliação com o teste de sensibilidade ao contraste entre os grupos pesquisados. No teste de ofuscamento, os dois grupos tiveram redução da visão, que foi mais acentuada no grupo dos pacientes com lentes multifocais. CONCLUSÃO: A acuidade visual para longe com correção nos pacientes com implante multifocal foi semelhante a dos pacientes com implantes monofocais, embora a acuidade visual para perto no grupo em que foi implantado lente multifocal foi bastante superior ao grupo da lente monofocal. A sensibilidade ao contraste manteve-se semelhante nos dois grupos, já o ofuscamento ("glare test" no grupo multifocal foi maior que no grupo monofocal.PURPOSE: To compare distant and near visual acuity between patients submitted to bilateral nonsimultaneous facoemulsification and implantation of multifocal or monofocal intraocular lenses (IOL. METHODS: Twenty patients with bilateral multifocal IOL and 20 patients with

  15. Scalloped Implant-Abutment Connection Compared to Conventional Flat Implant-Abutment Connection

    DEFF Research Database (Denmark)

    Starch-Jensen, Thomas; Christensen, Ann-Eva; Lorenzen, Henning

    2017-01-01

    OBJECTIVES: The objective was to test the hypothesis of no difference in implant treatment outcome after installation of implants with a scalloped implant-abutment connection compared to a flat implant-abutment connection. MATERIAL AND METHODS: A MEDLINE (PubMed), Embase and Cochrane library search......-abutment connection. There were no significant differences between the two treatment modalities regarding professional or patient-reported outcome measures. Meta-analysis disclosed a mean difference of peri-implant marginal bone loss of 1.56 mm (confidence interval: 0.87 to 2.25), indicating significant more bone...... loss around implants with a scalloped implant-abutment connection. CONCLUSIONS: A scalloped implant-abutment connection seems to be associated with higher peri-implant marginal bone loss compared to a flat implant-abutment connection. Therefore, the hypothesis of the present systematic review must...

  16. Imaging of common breast implants and implant-related complications: A pictorial essay.

    Science.gov (United States)

    Shah, Amisha T; Jankharia, Bijal B

    2016-01-01

    The number of women undergoing breast implant procedures is increasing exponentially. It is, therefore, imperative for a radiologist to be familiar with the normal and abnormal imaging appearances of common breast implants. Diagnostic imaging studies such as mammography, ultrasonography, and magnetic resonance imaging are used to evaluate implant integrity, detect abnormalities of the implant and its surrounding capsule, and detect breast conditions unrelated to implants. Magnetic resonance imaging of silicone breast implants, with its high sensitivity and specificity for detecting implant rupture, is the most reliable modality to asses implant integrity. Whichever imaging modality is used, the overall aim of imaging breast implants is to provide the pertinent information about implant integrity, detect implant failures, and to detect breast conditions unrelated to the implants, such as cancer.

  17. A experiência do adolescente usuário de implante coclear

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marcela Maria Bozelli Zanard

    2009-04-01

    Full Text Available Este estudo buscou compreender a vida cotidiana de adolescentes com implante coclear. Os participantes da pesquisa foram quatro adolescentes do sexo feminino, entre 13 e 16 anos de idade. Nesta pesquisa qualitativa, a análise dos resultados baseou-se no método fenomenológico. Concluiuse que o contexto escolar era marcado por dificuldades, especialmente na língua portuguesa; o contexto familiar era vivido como espaço de apoio; o namoro/ficar era permeado por sentimentos de inferioridade e marcado pelo preconceito. A importância da amizade era evidente para os adolescentes, e o implante coclear significava satisfação em ouvir e a constatação da deficiência auditiva.

  18. Fatores de Risco para Infecção Pós-Craniotomia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Gustavo Palmer Irffi

    2016-10-01

    Full Text Available Justificativa e Objetivos: A infecção pós-craniotomia é um risco real para a recuperação do paciente, com aumento da morbimortalidade e, também, dos custos para o sistema de saúde. Com uma alta incidência de complicações, chegando a até 11%, é importante ter noção dos fatores de risco desse procedimento a fim de melhorar a qualidade do atendimento e da recuperação do paciente. Dessa forma, o objetivo desse artigo é definir o risco de infecção nesse procedimento; indicar a incidência de infecção de sítio cirúrgico e de meningite; apontar os principais fatores de risco; e calcular a taxa de óbito de craniotomia. Métodos: O estudo foi uma coorte retrospectiva em seis hospitais de Belo Horizonte por um período de dez anos. Dados foram colhidos e analisados buscando resultados relacionados à incidência e aos fatores de risco pós-craniotomia. Resultados: As infecções globais têm uma incidência de 8,8%, as infecções de sítio cirúrgico de 5,1% e as meningites de 2,3%. A taxa de letalidade está em 8,3%. Conclusão: Os principais fatores de risco são o escore American Society of Anesthesiologists (ASA > 2 e o uso de próteses; o uso de anestesia geral se mostrou um fator protetor em relação ao desenvolvimento de infecções.

  19. Immediate Direct-To-Implant Breast Reconstruction Using Anatomical Implants

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Sung-Eun Kim

    2014-09-01

    Full Text Available BackgroundIn 2012, a new anatomic breast implant of form-stable silicone gel was introduced onto the Korean market. The intended use of this implant is in the area of aesthetic breast surgery, and many reports are promising. Thus far, however, there have been no reports on the use of this implant for breast reconstruction in Korea. We used this breast implant in breast reconstruction surgery and report our early experience.MethodsFrom November 2012 to April 2013, the Natrelle Style 410 form-stable anatomically shaped cohesive silicone gel-filled breast implant was used in 31 breasts of 30 patients for implant breast reconstruction with an acellular dermal matrix. Patients were treated with skin-sparing mastectomies followed by immediate breast reconstruction.ResultsThe mean breast resection volume was 240 mL (range, 83-540 mL. The mean size of the breast implants was 217 mL (range, 125-395 mL. Breast shape outcomes were considered acceptable. Infection and skin thinning occurred in one patient each, and hematoma and seroma did not occur. Three cases of wound dehiscence occurred, one requiring surgical intervention, while the others healed with conservative treatment in one month. Rippling did not occur. So far, complications such as capsular contracture and malrotation of breast implant have not yet arisen.ConclusionsBy using anatomic breast implants in breast reconstruction, we achieved satisfactory results with aesthetics better than those obtained with round breast implants. Therefore, we concluded that the anatomical implant is suitable for breast reconstruction.

  20. Interacciones entre dispositivos cardíacos implantables y modalidades fisioterapéuticas: ¿Mito o realidad?

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Genevieve C. Digby

    2011-04-01

    Full Text Available La fisioterapia se ha transformado en una especialidad que claramente incide en la calidad de vida de nuestros pacientes. En poblaciones añosas, el uso de fisioterapia incluye múltiples modalidades para un alto número de distintas enfermedades. Varios informes sobre posibles interacciones negativas entre las distintas modalidades de fisioterapia y los dispositivos cardíacos implantables (marcapasos y cardiodesfibriladores han sido publicados en los últimos aňos. A pesar de ello, existe muy poca evidencia y guías precisas para identificar cuáles son las modalidades de fisioterapia seguras a utilizar en esta población de pacientes. En la siguiente revisión, nos propusimos resumir las interacciones documentadas entre fisioterapia y dispositivos cardíacos implantables (DCI, discutir el estándar actual de estas prácticas e identificar las principales consideraciones que existen desde la perspectiva de un servicio de electrofisiología cardíaca, para el tratamiento adecuado en estos pacientes. Finalmente, abogamos por fortalecer la colaboración entre fisioterapeutas y electrofisiólogos, con el fin de asegurar una óptima y segura atención de este grupo de pacientes.

  1. Implants in free fibula flap supporting dental rehabilitation - Implant and peri-implant related outcomes of a randomized clinical trial.

    Science.gov (United States)

    Kumar, Vinay V; Ebenezer, Supriya; Kämmerer, Peer W; Jacob, P C; Kuriakose, Moni A; Hedne, Naveen; Wagner, Wilfried; Al-Nawas, Bilal

    2016-11-01

    The objective of this study was to assess the difference in success rates of implants when using two or four implant-supported-overdentures following segmental mandibular reconstruction with fibula free flap. This prospective, parallel designed, randomized clinical study was conducted with 1:1 ratio. At baseline, all participants already had segmental reconstruction of mandible with free fibula flap. The participants were randomized into two groups: Group-I received implant-supported-overdentures on two tissue-level implants and Group-II received implant-supported-overdentures on four tissue-level implants. Success rates of the implants were evaluated at 3 months, 6 months and 12 months following implant loading using marginal bone level changes as well as peri-implant indices (Buser et al., 1990). 52 patients were randomized into two treatment groups (26 each), out of which 18 patients (36 implants) of Group-I and 17 patients (68 implants) of Group-II were evaluated. One implant in Group-I was lost due to infective complications and one patient in the same group had superior barrel necrosis. There was a statistically significant increase at both time points (p = 0.03, p = 0.04 at 6 months, 12 months) in the amount of marginal bone loss in Group-I (0.4 mm, 0.5 mm at 6 months, 12 months) as compared to Group-II (0.1 mm, 0.2 mm at 6 months, 12 months). There were no clinically significant changes peri-implant parameters between both groups. Peri-implant soft tissue hyperplasia was seen in both groups, 32% of implants at 3-months, 26% at 6-months and 3% at 12-months follow-up. The results of this study show that patients with 2-implant-supported-overdentures had higher marginal bone loss as compared to patients with 4-implant-supported-overdentures. There were no clinically significant differences in peri-implant soft tissue factors in patients with 2- or 4-implant-supported-overdentures. Hyperplastic peri-implant tissues are common in the early implant

  2. Imaging of common breast implants and implant-related complications: A pictorial essay

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Amisha T Shah

    2016-01-01

    Full Text Available The number of women undergoing breast implant procedures is increasing exponentially. It is, therefore, imperative for a radiologist to be familiar with the normal and abnormal imaging appearances of common breast implants. Diagnostic imaging studies such as mammography, ultrasonography, and magnetic resonance imaging are used to evaluate implant integrity, detect abnormalities of the implant and its surrounding capsule, and detect breast conditions unrelated to implants. Magnetic resonance imaging of silicone breast implants, with its high sensitivity and specificity for detecting implant rupture, is the most reliable modality to asses implant integrity. Whichever imaging modality is used, the overall aim of imaging breast implants is to provide the pertinent information about implant integrity, detect implant failures, and to detect breast conditions unrelated to the implants, such as cancer.

  3. Anestesia subtenoniana en cirugía de estrabismo Sub-Tenon's anesthesia in strabismus surgery

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rosa M. Naranjo Fernández

    2004-12-01

    Full Text Available Se realizó un estudio descriptivo, retrospectivo de 30 pacientes con el diagnóstico de estrabismo que acudieron al Servicio de Oftalmología Pediátrica y Estrabismo del Hospital Oftalmológico Docente "Ramón Pando Ferrer" y fueron operados con la técnica de anestesia subtenoniana desde abril de 2003 hasta mayo de 2004; se analizaron las variables: edad, entidad diagnostica y grado de dolor. Se encontró que el rango de edad que predominó fue de 20 a 39 años, la esotropía como el diagnóstico más frecuente, el grado de dolor fue significativo en la tracción muscular y la técnica anestésica subtenoniana resultó efectiva independientemente de la técnica quirúrgica aplicada, sin complicaciones y con buena analgesia.A descriptive and retrospective study of 30 patients with the diagnosis of strabismus that were operated on at the Service of Pediatric Ophthalmology and Strabismus of "Ramón Pando Ferrer" Ophthalmological Hospital by the technique of sub-Tenon's anesthesia from April 2003 to May 2004 was conducted.The following variables were analyzed: age, diagnostic entity and pain degree. It was found a predominance of the age range 20-39. Esotropia was the most frequent diagnosis. The pain degree was significant in the muscular traction and the sub-Tenon's anesthetic technique proved to be effective independently of the surgical technique applied, without complications and with good analgesia.

  4. Implants as drug delivery devices for the treatment of eye diseases

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Gisele Rodrigues da Silva

    2010-09-01

    Full Text Available The treatment of diseases affecting the posterior segment of the eye is limited by the difficulty in transporting effective doses of drugs to the vitreous, retina, and choroid. Topically applied drugs are poorly absorbed due to the low permeability of the external ocular tissues and tearing. The blood-retina barrier limits drug diffusion from the systemic blood to the posterior segment, thus high doses of drug are needed to maintain therapeutic levels. In addition, systemic side effects are common. Intraocular injections could be an alternative, but the fast flowing blood supply in this region, associated with rapid clearance rates, causes drug concentration to quickly fall below therapeutic levels. To obtain therapeutic levels over longer time periods, polymeric sustained-drug release systems implanted within the vitreous are being studied for the treatment of vitreoretinal disorders. These systems are prepared using different kinds of biodegradable or non-biodegradable polymers. This review aims to demonstrate the main characteristics of these drug delivery implants and their potential for clinical application.O tratamento de doenças do segmento posterior do olho é limitado pela dificuldade no transporte de doses efetivas de fármacos para o vítreo, retina e coróide. Os fármacos aplicados topicamente são pouco absorvidos por causa da baixa permeabilidade dos tecidos oculares externos e ao lacrimejamento. Embora a administração sistêmica seja capaz de transportar fármacos para o segmento posterior do olho, as barreiras hemato-aquosa e hematorretiniana dificultam a absorção e, normalmente, são necessárias doses elevadas, as quais estão geralmente associadas a potenciais efeitos adversos. Injeções intravitreais são capazes de transportar fármacos para o segmento posterior do olho, mas é uma técnica invasiva, pouco tolerada pelos pacientes e apresenta riscos de infecções oculares e danos aos tecidos. Visando a obtenção de

  5. Implante de Stent guiado por ultrassom intracoronariano melhora desfechos: meta-análise de ensaios randomizados

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Graciele Sbruzzi

    2012-01-01

    Full Text Available FUNDAMENTO: Ultrassom Intracoronariano (USIC tem sido usado como um método auxiliar a fim de otimizar o implante de stents. No entanto, o impacto desse método em alguns resultados é controverso. OBJETIVO: Analisar sistematicamente o impacto dos stents coronarianos guiados por USIC, em comparação com os stents guiados angiograficamente, sobre os resultados clínicos e angiográficos. MÉTODOS: Foi realizada uma busca em bases de dados (MEDLINE, Cochrane CENTRAL, EMBASE e referências de estudos publicados entre 1982 e 2010. Foram incluídos Ensaios Clínicos Randomizados (ECR que compararam o implante de stents coronarianos guiados por angiografia e USIC versus implante de stents coronarianos guiados apenas por angiografia (ANGIO. O seguimento mínimo foi de seis meses e os resultados avaliados foram eventos cardíacos adversos importantes (MACE, Revascularização da Lesão-alvo (RLA e reestenose angiográfica. Dois revisores extraíram os dados de forma independente. Razão de risco sumário e intervalos de confiança de 95% (CI foram calculados com modelos com efeitos aleatórios. A abordagem GRADE foi utilizada para determinar a qualidade geral de evidências para cada resultado. RESULTADOS: Dos 3.631 artigos identificados, oito ECR avaliando um total de 2.341 pacientes foram incluídos. Houve uma redução de 27% na reestenose angiográfica (95% IC: 3% -46% e uma redução de 38% em RLA (95% IC: 17% -53% em favor de USIC versus ANGIO. No entanto, os MACE não foram reduzidos por USIC (RR: 0,79; 95%CI: 0,61-1,03. Os dados MACE representam apenas 47% do tamanho ótimo de informações necessárias para detectar com segurança um efeito de tratamento plausível. CONCLUSÕES: Observamos que o implante de stent coronariano guiado por USIC oferece reduções significativas em RLA e reestenose angiográfica em comparação com implante de stent guiado por angiografia, porém não reduz casos de MACE.

  6. Retrograde peri-implantitis

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Mohamed Jumshad

    2010-01-01

    Full Text Available Retrograde peri-implantitis constitutes an important cause for implant failure. Retrograde peri-implantitis may sometimes prove difficult to identify and hence institution of early treatment may not be possible. This paper presents a report of four cases of (the implant placed developing to retrograde peri-implantitis. Three of these implants were successfully restored to their fully functional state while one was lost due to extensive damage. The paper highlights the importance of recognizing the etiopathogenic mechanisms, preoperative assessment, and a strong postoperative maintenance protocol to avoid retrograde peri-implant inflammation.

  7. Eficácia do eugenol extraído da planta Eugenia aromática como anestésico para realização de biometrias em adultos de tilápia do Nilo (Oreochromis niloticus - doi: 10.4025/actascianimsci.v32i4.9973 Efficacy of eugenol extracted from the plant Eugenia aromatica as an anesthetic for the biometry procedures in Nile tilapia (Oreochromis niloticus adults - doi: 10.4025/actascianimsci.v32i4.9973

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Carlos Riedel Porto Carreiro

    2010-10-01

    Full Text Available Os anestésicos figuram como poderosa ferramenta na aquicultura, atuando na redução do estresse e mortalidade usualmente causados pelo manejo. O objetivo deste trabalho foi avaliar o efeito de diferentes concentrações de eugenol em adultos de tilápia e determinar a concentração ideal para realização de uma biometria. Foram avaliadas seis concentrações (30, 60, 120, 180, 240 e 300 mg L-1. Para cada tratamento, 12 peixes (comprimento médio: 32,7 ± 3,0; peso médio: 557,0 ± 160 g, foram imersos individualmente na solução anestésica durante 10 min. Durante a indução anestésica, foram monitorados todos os estágios de anestesia e ao atingir o estágio de anestesia profunda, foi monitorado o número de batimentos operculares durante o minuto seguinte. Após a indução anestésica, os peixes foram transferidos para aquário contendo água sem anestésico e aferido o tempo de recuperação. A concentração de 60 mg L-1 necessitou de maior tempo para atingir o estágio desejado de anestesia profunda (206,3 segundos, enquanto a concentração de 300 g L-1 atingiu este estágio mais rapidamente (77,8 segundos. Os resultados obtidos sugerem que a concentração ideal de eugenol para realização de uma biometria é de 120 mg L-1, e, que o aumento da dosagem do anestésico, implica na diminuição dos batimentos operculares.Anesthetics represent a powerful tool in aquaculture, working to reduce stress and mortality commonly caused by handling. The objective this work was evaluate the effect of various concentrations of eugenol in adults of Nile tilapia and determine its optimal concentration for biometry procedures. Six concentrations (30, 60, 120, 180, 240 e 300 mg L-1 were tested. For each treatment, 12 fishes (average length: 32.7 ± 3.0; average weight: 557.0 ± 160 g were individually immersed in anesthetic solution for 10 min. All stages of anesthesia were monitored during anesthetic induction, and upon profound anesthesia the

  8. Estandarización de modelo experimental porcino para defectos óseos maxilares

    OpenAIRE

    A.F. Aguilera-Salgado; M.R. Pérez-Dosal

    2014-01-01

    Para evaluar la eficacia y seguridad de cualquier sustituto óseo es necesario probarlo en modelos experimentales antes de iniciar estudios clínicos. En la literatura encontramos distintos modelos experimentales que no han tenido una estandarización adecuada para su evaluación. Nuestro proyecto forma parte de una línea de investigación cuya finalidad es desarrollar un implante óseo mediante técnicas de ingeniería de tejidos. Presentamos la primera etapa del mismo que consiste en estandarizar u...

  9. Cochlear implants in children implanted in Jordan: A parental overview.

    Science.gov (United States)

    Alkhamra, Rana A

    2015-07-01

    Exploring the perspective of parents on the cochlear implant process in Jordan. Sixty parents of deaf children were surveyed on the information gathering process prior to cochlear implant surgery, and their implant outcome expectations post-surgery. Whether child or parent characteristics may impact parents' post-surgical expectations was explored. Although parents used a variety of information sources when considering a cochlear implant, the ear, nose and throat doctor comprised their major source of information (60%). Parents received a range of information prior to cochlear implant but agreed (93.3%) on the need for a multidisciplinary team approach. Post-surgically, parents' expected major developments in the areas of spoken language (97%), and auditory skills (100%). Receiving education in mainstream schools (92%) was expected too. Parents perceived the cochlear implant decision as the best decision they can make for their child (98.3%). A significant correlation was found between parents contentment with the cochlear implant decision and expecting developments in the area of reading and writing (r=0.7). Child's age at implantation and age at hearing loss diagnosis significantly affected parents' post-implant outcome expectations (pparents agree on the need for a comprehensive multidisciplinary team approach during the different stages of the cochlear implant process. Parents' education about cochlear implants prior to the surgery can affect their post-surgical outcome expectations. The parental perspective presented in this study can help professionals develop better understanding of parents' needs and expectations and henceforth improve their services and support during the different stages of the cochlear implant process. Copyright © 2015. Published by Elsevier Ireland Ltd.

  10. Uso da eletroestimulação transcutânea para alívio da dor durante o trabalho de parto em uma maternidade-escola: ensaio clínico controlado The use of transcutaneous nerve stimulation for pain relief during labor in a teaching hospital: a randomized controlled trial

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Flávia Augusta de Orange

    2003-02-01

    Full Text Available OBJETIVOS: determinar os desfechos maternos e neonatais de acordo com a aplicação ou não de estimulação elétrica transcutânea (EET para alívio da dor do trabalho de parto antes da instalação da técnica combinada (raquianestesia + peridural. MÉTODOS: realizou-se ensaio clínico, randomizado, aberto, envolvendo 22 parturientes, com gestação a termo e feto único em apresentação cefálica, atendidas em hospital-escola de nível terciário em Recife, Brasil. Estas pacientes foram randomizadas para receber ou não EET antes da instalação da anestesia combinada (raquianestesia + anestesia peridural para analgesia de parto. Avaliaram-se a intensidade da dor pela escala analógica visual (EAV, o tempo transcorrido entre a avaliação inicial e a necessidade de instalação da anestesia combinada, a duração do trabalho de parto, a freqüência de cesariana e parto instrumental, os escores de Apgar e a freqüência de hipóxia neonatal. Para análise estatística, foram utilizados os testes de Mann-Whitney e exato de Fisher, considerando-se o nível de significância de 5%. RESULTADOS: o tempo decorrido entre a avaliação da dor da parturiente e a necessidade de instalação da técnica combinada foi significativamente maior no grupo da EET (mediana de 90 minutos quando comparado ao grupo controle (mediana de 30 minutos. A duração do trabalho de parto foi similar nos dois grupos (em torno de seis horas. Não houve diferença na evolução dos escores de EAV durante o trabalho de parto. A freqüência de cesariana foi de 18,2% nos dois grupos. Apenas um parto foi ultimado a fórcipe, no grupo controle. A mediana do escore de Apgar no quinto minuto foi 10, não se encontrando nenhum caso de hipóxia neonatal. CONCLUSÕES: a aplicação de EET foi efetiva em retardar a instalação da anestesia combinada para manter analgesia satisfatória durante o trabalho de parto, porém não apresentou efeito significativo sobre a intensidade da

  11. Long time follow up of implant therapy and treatment of peri-implantitis.

    Science.gov (United States)

    Roos-Jansåker, Ann-Marie

    2007-01-01

    Dental implants have become an often used alternative to replace missing teeth, resulting in an increasing percentage of the adult population with implant supported prosthesis. Although favourable long-term results of implant therapy have been reported, infections occur. Until recently few reports included data on peri-implant infections, possibly underestimating this complication of implant treatment. It is possible that some infections around implants develop slowly and that with time peri-implantitis will be a common complication to implant therapy as an increasing number of patients have had their implants for a long time (>10 years). Data on treatment of peri-implant lesions are scarce leaving the clinician with limited guidance regarding choice of treatment. The aim of this thesis was to study the frequency of implant loss and presence of peri-implant lesions in a group of patients supplied with Brånemark implants 9-14 years ago, and to relate these events to patient and site specific characteristics. Moreover three surgical treatment modalities for peri-implantitis were evaluated. The thesis is based on six studies; Studies I-III included 218 patients and 1057 implants followed for 9-14 years evaluating prevalence of, and factors related to implant loss (Paper I) and prevalence of peri-implant infections and related factors (Paper I-III). Study IV is a review describing different treatment modalities of peri-implant infections. Study V is a prospective cohort study involving 36 patients and 65 implants, evaluating the use of a bone substitute with or without the use of a resorbable membrane. Study VI is a case series with 12 patients and 16 implants, evaluating a bone substitute in combination with a resorbable membrane and submerged healing. This thesis demonstrated that: After 9-14 years the survival rates of dental implants are high (95.7%). Implant loss seems to cluster within patients and are related to periodontitis evidenced as bone loss on

  12. Hip Implant Systems

    Science.gov (United States)

    ... Implants and Prosthetics Metal-on-Metal Hip Implants Hip Implants Share Tweet Linkedin Pin it More sharing options Linkedin Pin it Email Print Hip implants are medical devices intended to restore mobility ...

  13. Mamoplastia en plano dual ¿Es la técnica de elección?

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    C.D. Lo Brutto

    Full Text Available Desde el año 2004 hemos empleado la técnica de plano dual en la mamoplastia de aumento de forma sistemática en todas nuestras pacientes, utilizándola como técnica de elección para la mamoplastia de aumento primaria, para el tratamiento de la contractura capsular mamaria y para la resolución de malformaciones del contorno mamario, la más frecuente de las cuales fue en nuestra práctica la mama tuberosa. Este plano permite que la prótesis se aloje simultáneamente por debajo y por encima del pectoral mayor, lográndose una adecuada cobertura del implante en todos los casos. Consideramos 650 mamoplastias bilaterales realizadas en el período comprendido entre enero del 2006 y diciembre del 2008 utilizando prótesis redondas de superficie lisa en todos los casos (Mentor®. La cirugía se realizó bajo anestesia local y sedación endovenosa. La tasa de complicaciones fue mínima y se debió fundamentalmente a hematomas y asimetría mamaria. En nuestra experiencia la técnica de plano dual puede utilizarse, con mínimas variaciones técnicas, basándose en fundamentos fisiológicos, patológicos y tipo de deformidad que presente la paciente, con una alta tasa de satisfacción y un riesgo mínimo.

  14. Mini-implantes ortodônticos como auxiliares da fase de retração anterior Orthodontic mini-implants assisting the anterior retraction phase

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Carlo Marassi

    2008-10-01

    Full Text Available INTRODUÇÃO: os mini-implantes ortodônticos se estabeleceram como um importante método de ancoragem e vêm auxiliando os ortodontistas nas várias etapas do tratamento ortodôntico, eliminando, em grande parte, a necessidade de colaboração dos pacientes e tornando os resultados mais previsíveis. OBJETIVO: este artigo descreve os principais aspectos do uso dos mini-implantes como auxiliares da fase de retração anterior, trazendo considerações sobre suas indicações, quantidade de movimentação dos dentes anteriores, os vetores de força de retração, o controle vertical, o posicionamento dos mini-implantes, os tipos de apoio na região anterior e a força a ser utilizada. São citados os sítios de instalação mais usados para a retração anterior e abordados fatores que deverão ser controlados durante o fechamento de espaço. Por fim, são citadas algumas considerações clínicas sobre o uso dos mini-implantes nessa importante fase do tratamento ortodôntico.INTRODUCTION: The use of orthodontic mini-implants has settled as an important anchorage method and is aiding the orthodontists in the several stages of the treatment, largely eliminating the need of patients' compliance, and turning the results more predictable. AIM: This article describes the main aspects of the use of mini-implants as auxiliaries on the retraction phase of the anterior teeth, bringing considerations about their indications, amount of movement of the anterior teeth, the vectors of retraction force, the vertical control and evaluation of the incisors vestibulolingual tipping, the positioning of the mini-implants, the support types in the anterior area and the force to be applied. The placement sites best used for the anterior retraction are mentioned, and the factors that should be controlled during the space closure are approached. Lastly, some clinical considerations on the use of mini-implants in such important phase of the orthodontic treatment are

  15. Volume study pre and post-implant brachytherapy prostate for establishment of PTV margins; Estudio de volumenes pre y post-implante en braquiterapia de prostata para establecimiento de margenes del PTV

    Energy Technology Data Exchange (ETDEWEB)

    Jimenez Dominguez, M.; Carrasco Herrera, M.; Baeza Trujillo, M.; Herrador Cordoba, M.

    2011-07-01

    Treatment of prostate cancer by permanent implantation of radioactive seeds is now a good alternative to radical surgery or radiotherapy, as it provides a good tumor control while the risk is reduced by a lower complication irradiation of adjacent healthy organs. The large volume change during seed implantation occurs in the prostate of the patient, makes it important to consider margins around the organs of interest both to ensure optimal coverage and minimal tumor irradiation of healthy tissue. Analyze how the volume varies during and after implantation and establish a margin around the prostate to the practice of our hospital are the two objectives of this work.

  16. Age at implantation and auditory memory in cochlear implanted children.

    Science.gov (United States)

    Mikic, B; Miric, D; Nikolic-Mikic, M; Ostojic, S; Asanovic, M

    2014-05-01

    Early cochlear implantation, before the age of 3 years, provides the best outcome regarding listening, speech, cognition an memory due to maximal central nervous system plasticity. Intensive postoperative training improves not only auditory performance and language, but affects auditory memory as well. The aim of this study was to discover if the age at implantation affects auditory memory function in cochlear implanted children. A total of 50 cochlear implanted children aged 4 to 8 years were enrolled in this study: early implanted (1-3y) n = 27 and late implanted (4-6y) n = 23. Two types of memory tests were used: Immediate Verbal Memory Test and Forward and Backward Digit Span Test. Early implanted children performed better on both verbal and numeric tasks of auditory memory. The difference was statistically significant, especially on the complex tasks. Early cochlear implantation, before the age of 3 years, significantly improve auditory memory and contribute to better cognitive and education outcomes.

  17. Breast reconstruction - implants

    Science.gov (United States)

    Breast implants surgery; Mastectomy - breast reconstruction with implants; Breast cancer - breast reconstruction with implants ... harder to find a tumor if your breast cancer comes back. Getting breast implants does not take as long as breast reconstruction ...

  18. Cuidados preoperatorios en el niño

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Lincoln de la Parte Pérez

    2002-12-01

    Full Text Available Preparar correctamente un paciente para la anestesia es siempre una tarea difícil, y para lograrlo en un niño, se necesita la valoración cuidadosa de muchos aspectos. De forma general la preparación comienza con la evaluación de la historia clínica, el interrogatorio y el examen físico. El estudio de cada paciente reviste extraordinaria importancia. Los niños deben valorarse individualmente y decidir en cada caso en particular que es lo mejor. Se presenta un grupo de consideraciones a tener en cuenta durante el preoperatorio en los niños programados para procedimientos quirúrgicos bajo anestesia.To prepare a patient in an adequate way for anesthesia is always a hard task, but to attain this goal in a child requires a careful assessment of many aspects. Generally speaking, the preparation begins with the evaluation of the medical history, the questioning and the physical examination. The study of each patient possesses an extraordinary importance. We should evaluate children on an individual basis and decide what is the best for each case. A group of considerations to be borne in mind during the pre-operative phase in children scheduled for surgery with anesthesia are set forth.

  19. Biónica e implantes neuronales, nuevo paradigma para la rehabilitación

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Álvaro Hernández Ramírez Llinás

    2010-01-01

    Full Text Available La microelectrónica avanzada para procesamiento de señales, está acercando el sueño de mezclar el hombre y la máquina a la realidad. En estos sistemas artificiales el flujo de información se realiza a través de cables, buses, y en algunos casos mediante enlaces de radio, mientras que en los seres vivos, la transmisión se realiza a través de los nervios, que actúan como el equivalente de esos cables. Los dos sistemas se han comunicado a través de dispositivos simples como teclado, mouse, pantallas táctiles, que se van sofisticando y aumentan su complejidad, como la estimulación eléctrica o neuromuscular para provocar movimientos funcionales o las llamadas prótesis sensoriales, para restaurar la pérdida de algún órgano.

  20. Precision of fit between implant impression coping and implant replica pairs for three implant systems.

    Science.gov (United States)

    Nicoll, Roxanna J; Sun, Albert; Haney, Stephan; Turkyilmaz, Ilser

    2013-01-01

    The fabrication of an accurately fitting implant-supported fixed prosthesis requires multiple steps, the first of which is assembling the impression coping on the implant. An imprecise fit of the impression coping on the implant will cause errors that will be magnified in subsequent steps of prosthesis fabrication. The purpose of this study was to characterize the 3-dimensional (3D) precision of fit between impression coping and implant replica pairs for 3 implant systems. The selected implant systems represent the 3 main joint types used in implant dentistry: external hexagonal, internal trilobe, and internal conical. Ten impression copings and 10 implant replicas from each of the 3 systems, B (Brånemark System), R (NobelReplace Select), and A (NobelActive) were paired. A standardized aluminum test body was luted to each impression coping, and the corresponding implant replica was embedded in a stone base. A coordinate measuring machine was used to quantify the maximum range of displacement in a vertical direction as a function of the tightening force applied to the guide pin. Maximum angular displacement in a horizontal plane was measured as a function of manual clockwise or counterclockwise rotation. Vertical and rotational positioning was analyzed by using 1-way analysis of variance (ANOVA). The Fisher protected least significant difference (PLSD) multiple comparisons test of the means was applied when the F-test in the ANOVA was significant (α=.05). The mean and standard deviation for change in the vertical positioning of impression copings was 4.3 ±2.1 μm for implant system B, 2.8 ±4.2 μm for implant system R, and 20.6 ±8.8 μm for implant system A. The mean and standard deviation for rotational positioning was 3.21 ±0.98 degrees for system B, 2.58 ±1.03 degrees for system R, and 5.30 ±0.79 degrees for system A. The P-value for vertical positioning between groups A and B and between groups A and R was <.001. No significant differences were found for

  1. Uso de osteocoral como material de implante en bolsas infraóseas de dientes Monorradiculares

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    . Yamilé Hernández Alemán,

    1999-12-01

    Full Text Available Se evaluó la eficacia del osteocoral como material de implante en el tratamiento de bolsas infraóseas de dientes monorradiculares. Se realizaron 18 injertos en 17 dientes con defectos angulares, en 6 pacientes de ambos sexos; 9 implantes correspondieron al grupo control con hidroxiapatita y 9 al grupo de estudio que fue implantado con osteocoral. Se realizó preparación inicial que incluyó: remoción de cálculos y pulido de las superficies dentarias, educación y motivación sobre el tratamiento recibido, corrección del cepillado igual o mayor al 80 % en la remoción de placa dentobacteriana. Se realizó el implante mediante operación a colgajo, con sutura y colocación de apósito periodontal. Se realizaron radiografías de control a los 14 días, a los 3 y 6 meses. Se controló sistemáticamente la higiene bucal. A los 6 meses se registraron nuevamente los indicadores clínicos. El análisis final de los resultados mostró una disminución estadísticamente significativa en el índice gingival, profundidad de la bolsa al sondeo y movilidad dentaria para ambos materiales implantológicos. No se reportaron grandes diferencias entre éstos para este tamaño de muestra, no hubo reacciones adversas y se logró la permanencia del implante de osteocoral, por lo que se consideró efectivo el tratamiento.Effectivenes of osteocoral as implant material was assessed to treat infraosseous pockets of multirooted teeth. 18 grafts were inserted in 17 teeth with angular defects in 6 patients of both sexes; 9 implants corresponded to control group (hydroxiapatite and 9 corresponded to study group (osteocoral. Initial preparation included: removal of calculus and polishing of dental surface, education and motivation about treatment applied, correction of tooth-brushing equal or greater 80 % in removal of dentobacterial plaque. Implant was inserted by flap surgery using suture and placement of periodontal dresssing. Control X-rays were made within 14 days

  2. Ion implantation

    International Nuclear Information System (INIS)

    Johnson, E.

    1986-01-01

    It is the purpose of the present paper to give a review of surface alloy processing by ion implantation. However, rather than covering this vast subject as a whole, the survey is confined to a presentation of the microstructures that can be found in metal surfaces after ion implantation. The presentation is limited to alloys processed by ion implantation proper, that is to processes in which the alloy compositions are altered significantly by direct injection of the implanted ions. The review is introduced by a presentation of the processes taking place during development of the fundamental event in ion implantation - the collision cascade, followed by a summary of the various microstructures which can be formed after ion implantation into metals. This is compared with the variability of microstructures that can be achieved by rapid solidification processing. The microstructures are subsequently discussed in the light of the processes which, as the implantations proceed, take place during and immediately after formation of the individual collision cascades. These collision cascades define the volumes inside which individual ions are slowed down in the implanted targets. They are not only centres for vigorous agitation but also the sources for formation of excess concentrations of point defects, which will influence development of particular microstructures. A final section presents a selection of specific structures which have been observed in different alloy systems. (orig./GSCH)

  3. Does the number of implants have any relation with peri-implant disease?

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Bernardo Born PASSONI

    2014-10-01

    Full Text Available Objective: The aim of this study was to evaluate the relationship between the number of pillar implants of implant-supported fixed prostheses and the prevalence of periimplant disease. Material and Methods: Clinical and radiographic data were obtained for the evaluation. The sample consisted of 32 patients with implant-supported fixed prostheses in function for at least one year. A total of 161 implants were evaluated. Two groups were formed according to the number of implants: G1 ≤5 implants and G2 >5 implants. Data collection included modified plaque index (MPi, bleeding on probing (BOP, probing depth (PD, width of keratinized mucosa (KM and radiographic bone loss (BL. Clinical and radiographic data were grouped for each implant in order to conduct the diagnosis of mucositis or peri-implantitis. Results: Clinical parameters were compared between groups using Student’s t test for numeric variables (KM, PD and BL and Mann-Whitney test for categorical variables (MPi and BOP. KM and BL showed statistically significant differences between both groups (p<0.001. Implants from G1 – 19 (20.43% – compared with G2 – 26 (38.24% – showed statistically significant differences regarding the prevalence of peri-implantitis (p=0.0210. Conclusion: It seems that more than 5 implants in total fixed rehabilitations increase bone loss and consequently the prevalence of implants with periimplantitis. Notwithstanding, the number of implants does not have any influence on the prevalence of mucositis.

  4. Cirurgia de estrabismo ajustável no peroperatório com anestesia tópica em pacientes com orbitopatia de Graves Intraoperative adjustable strabismus surgery under drop anesthesia in patients with Graves' orbitopathy

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Patrícia Grativol Costa

    2008-06-01

    Full Text Available OBJETIVO: Descrever as características clínicas pré-operatórias dos pacientes com estrabismo secundário à orbitopatia de Graves e os resultados da cirurgia com anestesia tópica e sutura ajustável. MÉTODOS: Estudo retrospectivo realizado no Hospital das Clínicas da Universidade de São Paulo. Foram pesquisados os prontuários de todos os pacientes atendidos no ambulatório de estrabismo no período de março de 1994 a maio de 2004. Destes, foram separados aqueles com estrabismo associado à orbitopatia de Graves submetidos à cirurgia ajustável com anestesia tópica. As características clínicas pré-operatórias e os resultados cirúrgicos foram levantados a partir desta análise. RESULTADOS: Foram incluídos 13 pacientes. O tipo de desvio mais freqüentemente encontrado foi esotropia com hipotropia. Em 9 pacientes modificou-se o retrocesso programado no pré-operatório. Três casos necessitaram de uma segunda cirurgia. Após 6 meses de seguimento, 8 dos 13 pacientes estavam ortotrópicos ou com foria pequena e com algum grau de estereopsia. CONCLUSÃO: Neste estudo observou-se que 62% (8/13 dos pacientes apresentavam hipotropia com esotropia, provavelmente por causa do comprometimento associado do reto inferior e reto medial. Nove dos 13 pacientes necessitaram de ajuste no peroperatório e apenas 3 foram reoperados, indicando a importância da técnica ajustável para melhor alinhamento ocular no pós-operatório, possibilitando obter resultados mais satisfatórios.PURPOSE: To report the clinical features of strabismus associated with Graves' orbitopathy, and the results of surgery with adjustable suture under drop anesthesia. METHODS: The charts of 13 patients who had surgical treatment for strabismus related to Graves' orbitopathy at Hospital das Clínicas of University of São Paulo were retrospectively reviewed. Ocular motility, sensorial examination and the follow-up after strabismus correction were studied. RESULTS

  5. Tribological properties of nitrogen implanted and boron implanted steels

    International Nuclear Information System (INIS)

    Kern, K.T.

    1996-01-01

    Samples of a steel with high chrome content was implanted separately with 75 keV nitrogen ions and with 75 keV boron ions. Implanted doses of each ion species were 2-, 4-, and 8 x 10 17 /cm 2 . Retained doses were measured using resonant non-Rutherford Backscattering Spectrometry. Tribological properties were determined using a pin-on-disk test with a 6-mm diameter ruby pin with a velocity of 0.94 m/min. Testing was done at 10% humidity with a load of 377 g. Wear rate and coefficient of friction were determined from these tests. While reduction in the wear rate for nitrogen implanted materials was observed, greater reduction (more than an order of magnitude) was observed for boron implanted materials. In addition, reduction in the coefficient of friction for high-dose boron implanted materials was observed. Nano-indentation revealed a hardened layer near the surface of the material. Results from grazing incidence x-ray diffraction suggest the formation of Fe 2 N and Fe 3 N in the nitrogen implanted materials and Fe 3 B in the boron implanted materials. Results from transmission electron microscopy will be presented

  6. Cochlear implantation in late-implanted adults with prelingual deafness.

    Science.gov (United States)

    Most, Tova; Shrem, Hadas; Duvdevani, Ilana

    2010-01-01

    The purpose of this study was to examine the effect of cochlear implantation (CI) on prelingually deafened participants who were implanted as adults. The effect of the CI was examined with regard to the following variables: communication, family, social skills, education, and work satisfaction with one's life, loneliness, and self-esteem. Thirty-eight adults participated. Four self-report questionnaires were used at 2 points in time: before and after CI. The research findings show significant differences in the reports of most variables before and after implantation. The participants felt better with regard to communication, social skills, education, and work and satisfaction with one's life after implantation in comparison to their feelings before implantation. Furthermore, they felt less lonely after implantation. However, there were no significant differences before and after implantation regarding their feelings within the family and regarding their self-esteem. The results demonstrated the need to evaluate the benefits resulting from the CI not only with traditional clinical measures but with additional measures as well. Furthermore, they demonstrated the benefit of the CI on the positive psychosociological implications of prelingually deafened adults. Copyright © 2010 Elsevier Inc. All rights reserved.

  7. Histology of a dental implant with a platform switched implant-abutment connection

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Vittoria Perrotti

    2011-10-01

    Full Text Available Background: Peri-implant crestal bone must be stable for aesthetic reasons. Aim of this study was a histologic analysis of an implant with a platform switched implant-abutment connection. Materials and methods: A 32-year-old male patient participated in this study. The patient needed a bilateral mandibular restoration. Four implants were used, and were immediately restored and loaded the same day of insertion. After a 6 weeks healing period, one implant with platform-switched abutment was retrieved with trephine. Before retrieval the implant was osseointegrated and not mobile. On one side of the implant, a 1 mm resorption of the crestal bone was present. On the contrary, on the other side no bone resorption had occurred and about 1 mm of bone was present over the implant shoulder. Results: The bone-implant contact percentage was 65.1 ± 6.3 %. Platform- switching could help in maintaining the height of the peri-implant crestal bone.

  8. Effectiveness of Implant Therapy Analyzed in a Swedish Population: Prevalence of Peri-implantitis.

    Science.gov (United States)

    Derks, J; Schaller, D; Håkansson, J; Wennström, J L; Tomasi, C; Berglundh, T

    2016-01-01

    Peri-implantitis is an inflammatory disease affecting soft and hard tissues surrounding dental implants. As the global number of individuals that undergo restorative therapy through dental implants increases, peri-implantitis is considered as a major and growing problem in dentistry. A randomly selected sample of 588 patients who all had received implant-supported therapy 9 y earlier was clinically and radiographically examined. Prevalence of peri-implantitis was assessed and risk indicators were identified by multilevel regression analysis. Forty-five percent of all patients presented with peri-implantitis (bleeding on probing/suppuration and bone loss >0.5 mm). Moderate/severe peri-implantitis (bleeding on probing/suppuration and bone loss >2 mm) was diagnosed in 14.5%. Patients with periodontitis and with ≥4 implants, as well as implants of certain brands and prosthetic therapy delivered by general practitioners, exhibited higher odds ratios for moderate/severe peri-implantitis. Similarly, higher odds ratios were identified for implants installed in the mandible and with crown restoration margins positioned ≤1.5 mm from the crestal bone at baseline. It is suggested that peri-implantitis is a common condition and that several patient- and implant-related factors influence the risk for moderate/severe peri-implantitis (ClinicalTrials.gov NCT01825772). © International & American Associations for Dental Research 2015.

  9. Neuronas espejo y el aprendizaje en anestesia

    OpenAIRE

    Bautista, Jhon; Navarro, José Ricardo

    2011-01-01

    Las neuronas espejo fueron descritas inicialmente en primates de la especie Macaca nemestrina hacia el año 1990 por el neurofisiólogo Giacomo Rizzolatti y su grupo de la Universidad de Parma, en Italia. Son neuronas motoras que activan cuando el individuo observa la acción concreta para la que están predeterminadas sin generar ningún tipo de actividad motora. En la actualidad se considera que estas neuronas participan en procesos de adaptación al entorno social ya que permiten no solamente co...

  10. Educação de pessoas com implante coclear: uma análise de artigos internacionais e nacionais.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Regiane da Silva Barbosa

    2016-04-01

    Full Text Available Este artigo discorre sobre as tendências internacionais e nacionais de pesquisas sobre educação de crianças com implante coclear (IC, procurando responder a seguinte questão: Quais as tendências da pesquisa internacional e nacional sobre Implante Coclear na área da educação? Teve como objetivo analisar e comparar pesquisas internacionais e nacionais sobre educação de pessoas com IC, uma vez que é crescente o número de crianças surdas em idade escolar que realizam a cirurgia. Método: pesquisa bibliográfica de caráter qualitativo e quantitativo, realizada por meio de busca de artigos publicados e indexados em Bancos de Dados no período de 2009 a 2013, utilizando-se o indexador cochlear implant/ implante coclear nos Bancos de Dados ERIC, SCIELO e LILACS respectivamente. Os resultados da pesquisa demonstram que há um déficit de pesquisas nacionais sobre o tema, enquanto pesquisas internacionais desenvolvem temas importantes para a educação, como alfabetização, leitura, inclusão e recursos importantes na educação de pessoa com IC. Conclusão: é preciso maior investimento em pesquisas nacionais na área, uma vez que há muitas lacunas e temas pouco ou nada explorados, como os temas encontrados em pesquisas internacionais que ficam como sugestão para futuras pesquisas.

  11. Bilateral Poly Implant Prothèse Implant Rupture: An Uncommon Presentation

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Peter Mallon

    2013-07-01

    Full Text Available Summary: A woman in her 50s underwent delayed bilateral Poly Implant Prothèse implant reconstruction following mastectomy for breast cancer. Symptoms of implant rupture developed 43 months after surgery with an erythematous rash on her trunk. The rash then spread to her reconstructed breast mounds. Initial ultrasound scan and magnetic resonance imaging were normal; however, subsequent magnetic resonance imaging demonstrated left implant rupture only. In theater, following removal of both implants, both were found to be ruptured. The rash on her trunk resolved within 3 weeks in the postoperative period. Chemical analyses of silicone in both implants confirmed a nonauthorized silicone source; in addition, the chemical structure was significantly different between the left and right implant, perhaps explaining the variation in presentation.

  12. Complications after cardiac implantable electronic device implantations

    DEFF Research Database (Denmark)

    Kirkfeldt, Rikke Esberg; Johansen, Jens Brock; Nohr, Ellen Aagaard

    2013-01-01

    Complications after cardiac implantable electronic device (CIED) treatment, including permanent pacemakers (PMs), cardiac resynchronization therapy devices with defibrillators (CRT-Ds) or without (CRT-Ps), and implantable cardioverter defibrillators (ICDs), are associated with increased patient...

  13. Management of peri-implantitis

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Jayachandran Prathapachandran

    2012-01-01

    Full Text Available Peri-implantitis is a site-specific infectious disease that causes an inflammatory process in soft tissues, and bone loss around an osseointegrated implant in function. The etiology of the implant infection is conditioned by the status of the tissue surrounding the implant, implant design, degree of roughness, external morphology, and excessive mechanical load. The microorganisms most commonly associated with implant failure are spirochetes and mobile forms of Gram-negative anaerobes, unless the origin is the result of simple mechanical overload. Diagnosis is based on changes of color in the gingiva, bleeding and probing depth of peri-implant pockets, suppuration, X-ray, and gradual loss of bone height around the tooth. Treatment will differ depending upon whether it is a case of peri-implant mucositis or peri-implantitis. The management of implant infection should be focused on the control of infection, the detoxification of the implant surface, and regeneration of the alveolar bone. This review article deals with the various treatment options in the management of peri-implantitis. The article also gives a brief description of the etiopathogenesis, clinical features, and diagnosis of peri-implantitis.

  14. Xilazina como pré-medicação para anestesia com tiopental sódico em cães Xylazine as a pre-medicant for thiopental sodium anaesthesia in the dog

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Orlando Ribeiro Prado Filho

    2000-06-01

    Full Text Available A xilazina produz um bom efeito sedativo-analgésico quando associado à drogas anestésicas. O tiopental sódico é um barbitúrico de curta duração que produz sonolência, sedação e hipnose. O objetivo deste trabalho é verificar a eficiência da associação da xilazina como pré-medicação e do tiopental sódico na manutenção da anestesia, em cães. Foram usados 32 cães sem raça definida, adultos, machos e com peso entre 8 e 10 kg, que foram submetidos à procedimento operatório no esôfago cervical. A dose média de xilazina administrada foi de 3,8 mg/kg e de tiopental sódico foi de 7,7 mg/kg. Não houve necessidade de intubação endotraqueal e não ocorreu óbito relacionado com as medicações anestésicas. Concluindo, o procedimento anestésico descrito é de fácil execução, é seguro e diminui o estresse do animal.The xylazine produce reliable sedative-analgesic effect when coadministered with anesthetics drugs. Thiopental sodium is a shorter duration barbituric, produced somnolence, sedation and hypnosis. The aim of this work is to verify the efficiency in association of xylazine and thiopental sodium to anesthesia in dogs. Thirty-two male mongrel dogs with an average weight between 8 and 10 kg were submitted to surgical procedure with approach of cervical aesophagus. The average dose was 3,8 mg/kg to xilazine and 7,7 mg/kg to thiopental sodium. Was not necessary endotracheal intubation and no deaths due anesthesic procedure were observed. The anesthesic procedure described is easy, safe and decreases the stress of the animal.

  15. Experimental study on bone tissue reaction around HA implants radiated after implantation

    International Nuclear Information System (INIS)

    Kudo, Masato; Matsui, Yoshiro; Tamura, Sayaka; Chen, Xuan; Uchida, Haruo; Mori, Kimie; Ohno, Kohsuke; Michi, Ken-ichi

    1998-01-01

    This study was conducted to investigate histologically and histomorphometrically the tissue reaction around hydroxylapatite (HA) implants that underwent irradiation in 3 different periods in the course of bone healing after implantation. The cylindrical high-density HA implants were implanted in 48 Japanese white rabbit mandibles. A single 15 Gy dose was applied to the mandible 5, 14, or 28 days after implantation. The rabbits were sacrificed 7, 14, 28, and 90 days after irradiation. Nonirradiated rabbits were used as controls. CMR, labeling with tetracycline and calcein, and non-decalcified specimens stained with toluidine blue were used for histological analyses and histomorphometric measurements. The results were as follows: In the rabbits irradiated 5 days after implantation, the HA-bone contact was observed later than that in the controls and the bone-implant contact surface ratio was lower than that in the controls at examination because necrosis of the newly-formed bone occurred just after irradiation. HA-bone contact of the rabbits irradiated 14 and 28 days after implantation was similar to that of the controls. And, bone remodeling was suppressed in rabbits of each group sacrificed at 90 days after irradiation. The results suggested that a short interval between implantation and irradiation causes direct contact between HA implant and bone and a long lapse of time before irradiation hardly affects the bone-implant contact, but delays bone remodeling. Therefore, it is necessary to prevent overloading the HA implants irradiated after implantation and pay utmost attention to conditions around the bone-implant contact. (author)

  16. One-stage explant-implant procedure of exposed porous orbital implants

    DEFF Research Database (Denmark)

    Toft, Peter B; Rasmussen, Marie L Roed; Prause, Jan Ulrik

    2011-01-01

    Purpose:  To investigate the risks of implant exposure after a combined explant-implant procedure in patients with an exposed porous orbital implant. Methods:  Twenty-four consecutive patients who had a combined explant-implant procedure of an exposed hydroxyapatite (21) or porous polyethylene (3...... at the same procedure in sockets without profound signs of infection. The procedure carries a possible risk of poor motility....

  17. Two-stage implant systems.

    Science.gov (United States)

    Fritz, M E

    1999-06-01

    Since the advent of osseointegration approximately 20 years ago, there has been a great deal of scientific data developed on two-stage integrated implant systems. Although these implants were originally designed primarily for fixed prostheses in the mandibular arch, they have been used in partially dentate patients, in patients needing overdentures, and in single-tooth restorations. In addition, this implant system has been placed in extraction sites, in bone-grafted areas, and in maxillary sinus elevations. Often, the documentation of these procedures has lagged. In addition, most of the reports use survival criteria to describe results, often providing overly optimistic data. It can be said that the literature describes a true adhesion of the epithelium to the implant similar to adhesion to teeth, that two-stage implants appear to have direct contact somewhere between 50% and 70% of the implant surface, that the microbial flora of the two-stage implant system closely resembles that of the natural tooth, and that the microbiology of periodontitis appears to be closely related to peri-implantitis. In evaluations of the data from implant placement in all of the above-noted situations by means of meta-analysis, it appears that there is a strong case that two-stage dental implants are successful, usually showing a confidence interval of over 90%. It also appears that the mandibular implants are more successful than maxillary implants. Studies also show that overdenture therapy is valid, and that single-tooth implants and implants placed in partially dentate mouths have a success rate that is quite good, although not quite as high as in the fully edentulous dentition. It would also appear that the potential causes of failure in the two-stage dental implant systems are peri-implantitis, placement of implants in poor-quality bone, and improper loading of implants. There are now data addressing modifications of the implant surface to alter the percentage of

  18. Restoration of sensitivity after removal of the sural nerve: a new application of lateroterminal neurorraphy

    OpenAIRE

    Viterbo, Fausto; Palhares, Aristides; Franciosi, Luis Fernando

    1994-01-01

    Os autores propõem o emprego da neurorrafia término-lateral do coto distal do nervo sural na face lateral do nervo fibular superficial para evitar anestesia ou hipoestesia na face lateral do pé após a retirada do nervo sural para enxertia. A proximidade anatômica entre os nervos em questão tornam o procedimento simples, sem aumentar o tempo cirúrgico. A neurorrafia término-lateral proposta não prejudica as estruturas inervadas pelo nervo doador .

  19. Impact of implant design on primary stability of orthodontic mini-implants.

    Science.gov (United States)

    Wilmes, Benedict; Ottenstreuer, Stephanie; Su, Yu-Yu; Drescher, Dieter

    2008-01-01

    Skeletal anchorage with mini-implants has greatly broadened the treatment possibilities in orthodontics over the last few years. To reduce implant failure rates, it is advisable to obtain adequate primary stability. The aim of this study was to quantitatively analyze the impact of implant design and dimension on primary stability. Forty-two porcine iliac bone segments were prepared and embedded in resin. To evaluate the primary stability, we documented insertion torques of the following mini-implants: Aarhus Screw, AbsoAnchor, LOMAS, Micro-Anchorage-System, ORLUS and Spider Screw. In each bone, five Dual Top Screws were inserted for reference purposes to achieve comparability among the specimens. We observed wide variation in insertion torques and hence primary stability, depending on mini-implant design and dimension; the great impact that mini-implant diameter has on insertion torques was particularly conspicuous. Conical mini-implants achieved higher primary stabilities than cylindrical designs. The diameter and design of the mini-implant thread have a distinctive impact on primary stability. Depending on the region of insertion and local bone quality, the choice of the mini-implant design and size is crucial to establish sufficient primary stability.

  20. Effect of implant position, angulation, and attachment height on peri-implant bone stress associated with mandibular two-implant overdentures: a finite element analysis.

    Science.gov (United States)

    Hong, Hae Ryong; Pae, Ahran; Kim, Yooseok; Paek, Janghyun; Kim, Hyeong-Seob; Kwon, Kung-Rock

    2012-01-01

    The aim of this study was to analyze and compare the level and distribution of peri-implant bone stresses associated with mandibular two-implant overdentures with different implant positions. Mathematical models of mandibles and overdentures were designed using finite element analysis software. Two intraosseous implants and ball attachment systems were placed in the interforaminal region. The overdenture, which was supported by the two implants, was designed to withstand bilateral and unilateral vertical masticatory loads (total 100 N). In all, eight types of models, which differed according to assigned implant positions, height of attachments, and angulation, were tested: MI (model with implants positioned in the lateral incisor sites), MC (implants in canine sites), MP (implants in premolar sites), MI-Hi (greater height of attachments), MC-M (canine implants placed with mesial inclination), MC-D (canine implants placed with distal inclination), MC-B (canine implants placed with buccal inclination), and MC-L (canine implants placed with lingual inclination). Peri-implant bone stress levels associated with overdentures retained by lateral incisor implants resulted in the lowest stress levels and the highest efficiency in distributing peri-implant stress. MI-Hi showed increased stress levels and decreased efficiency in stress distribution. As the implants were inclined, stress levels increased and the efficiency of stress distribution decreased. Among the inclined models, MC-B showed the lowest stress level and best efficiency in stress distribution. The lowest stress and the best stability of implants in mandibular two-implant overdentures were obtained when implants were inserted in lateral incisor areas with shorter attachments and were placed parallel to the long axes of the teeth.

  1. Uso do Implante Visível de Elastômero Fluorescente (IVE para marcação de lagartos Phyllopezus pollicaris (Squamata: Phyllodactylidae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ragner Paulo Freitas

    2013-07-01

    Full Text Available http://dx.doi.org/10.5007/2175-7925.2013v26n4p271 Esse estudo teve como objetivo relatar o uso do Implante Visível de Elastômero Fluorescente (IVE e sua eficiência na marcação de lagartos Phyllopezus pollicaris em uma área de caatinga no Nordeste do Brasil. A marcação dos indivíduos foi realizada durante os meses de abril á setembro de 2012. Quarenta indivíduos foram marcados na região dorsal com as cores fluorescentes: vermelho, amarelo, verde e laranja. Vinte lagartos foram recapturados e apresentaram uma boa retenção do elastômero. Apenas dois espécimes apresentam suas marcações um pouco fragmentadas. Os resultados obtidos demonstraram que a utilização de IVE para marcação e recaptura de lagartos foi eficiente devido à alta taxa de retenção nos indivíduos recapturados e baixa taxa de fragmentação das marcações.

  2. Implantation of β-emitters on biomedical implants: 32 P isotropic ion implantation using a coaxial plasma reactor

    International Nuclear Information System (INIS)

    Fortin, M.A.; Paynter, R.W.; Sarkissian, A.; Stansfield, B.L.; Terreault, B.; Dufresne, V.

    2003-01-01

    The development of endovascular brachytherapy and the treatment of certain types of cancers (liver, lung, prostate) often require the use of beta-emitters, sometimes in the form of radioisotope-implanted devices. Among the most commonly used isotopes figures 32 P, a pure beta-emitter (maximum energy: 1.7 MeV), of which the path in biological tissues is of a few cm, restricting the impact of electron bombardment to the immediate environment of the implant. Several techniques and processes have been tried to elaborate surfaces and devices showing strongly bonded, or implanted 32 P. Anodizing, vapor phase deposition, grafting of oligonucleotides, as well as ion implantation processes have been investigated by several research groups as methods to implant beta-radioisotopes into surfaces. A coaxial plasma reactor was developed at INRS to implant radioisotopes into cylindrical metallic objects, such as coronary stents commonly used in angioplasty procedures. The dispersion of 32 P atoms on the interior surfaces of the chamber can be investigated using radiographs, contributing to image the plasma ion transport mechanisms that guide the efficiency of the implantation procedure. The amount of radioactivity on the wall liner, on the internal components, and on the biomedical implants are quantified using a surface barrier detector. A comparative study establishes a relationship between the gray scale of the radiographs, and dose measurements. A program was developed to convert the digitized images into maps showing surface dose density in mCi/cm 2 . An integration process allows the quantification of the doses on the walls and components of the reactor. Finally, the resulting integral of the 32 P dose is correlated to the initial amount of radioactivity inserted inside the implanter before the dismantling procedure. This method could be introduced as a fast and reliable way to test, qualify and assess the amount of radioactivity present on the as-produced implants

  3. Implantes de hidroxiapatita em falhas ósseas produzidas no fêmur de ratos submetidos ao tabagismo passivo Hydroxyapatite implants in bone defects produced in rat femurs submitted to passive tobacco exposure

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Thiago Cerizza Pinheiro

    2008-10-01

    Full Text Available INTRODUÇÃO: Defeitos com perdas de massa óssea são freqüentemente tratados com enxertos ósseos autógenos. Implantes de biomateriais, como hidroxiapatita (HA, também têm sido utilizados com a mesma finalidade, substituindo os enxertos autógenos. Contudo, as condições de saúde do tecido ósseo são fundamentais para que haja a osteointegração do implante. Assim, o consumo excessivo de tabaco, de forma ativa ou passiva, pode prejudicar o processo de neoformação óssea frente ao implante de hidroxiapatita, devido a seus efeitos deletérios sobre o tecido ósseo. OBJETIVO: Avaliar as condições nutricionais dos animais e o processo de neoformação óssea quando grânulos de hidroxiapatita porosa são implantados em falhas ósseas no fêmur de ratos submetidos ao tabagismo passivo. MÉTODOS: Foram implantados grânulos de hidroxiapatita porosa em defeitos ósseos produzidos na epífise distal do fêmur esquerdo de ratos sujeitos ao tabagismo passivo prolongado. Os animais foram acompanhados ao longo do tratamento do tabagismo com duração de seis meses avaliando suas condições físicas. Após oito semanas do implante ósseo do biomaterial, os animais foram sacrificados e as amostras da área do implante submetidas aos métodos histológicos de rotina e mantidas em blocos de parafina para análise histológica, morfométrica, e radiológica. RESULTADOS: Identificou-se que a variação de massa do grupo experimental foi mais intensa quando comparada com a do grupo controle. Quanto aos achados radiológicos, observou-se aparente imagem mais radiolúcida e organizada no grupo controle. Na análise morfológica, houve melhor fechamento do defeito ósseo bem como a osteointegração da hidroxiapatita no grupo controle. Ao comparar o volume de osso formado na área receptora do fêmur, entre o grupo controle e experimental, notou-se que os valores encontrados para os animais submetidos ao tabagismo passivo foram significativamente

  4. Determinação do volume mínimo efetivo de bupivacaína 0,5% para bloqueio do plexo braquial por via axilar guiado por ultrassom

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Leonardo Henrique Cunha Ferraro

    2014-01-01

    Full Text Available Justificativa e objetivo: o uso do ultrassom para acompanhar o correto posicionamento da agulha e a dispersão do anestésico local permitiu a redução do volume de anestésico local necessário para o bloqueio de nervos periféricos. Existem poucos trabalhos sobre o volume mínimo efetivo de anestésico local para o bloqueio do plexo braquial via axilar (BPVA. Este estudo foi conduzido com o objetivo de determinar o volume mínimo efetivo (VE90 de bupivacaína 0,5% comadrenalina (1:200.000 para o BPVA guiado por ultrassom. Método: o método up-and-down proposto por Massey e Dixon foi usado para o cálculo do volume mínimo efetivo. A dose inicial foi de 5 ml por nervo (radial, mediano, ulnar e musculocutâneo. No caso de falha do bloqueio, o volume era aumentado em 0,5 mL por nervo. O sucesso do bloqueio resultava na diminuição do volume em 0,5 mL por nervo para o paciente subsequente. O sucesso do bloqueio foi definido como bloqueio da função motora ≤ 2 segundo a escala de Bromage modificada, ausência de sensibilidade térmica e de resposta ao pinprick. Foi definido como critério para término do estudo a obtenção de cinco casos de falha seguidos de casos de sucesso. Resultados: foram incluídos 19 pacientes no estudo. O volume mínimo efetivo (VE90 de bupi-vacaína 0,5% com 1:200.000 de adrenalina foi de 1,56 ml (IC 95% 0,99-3,5 por nervo. Conclusão: este trabalho corrobora alguns estudos que mostram que é possível obter anestesia cirúrgica com baixos volumes de anestésico local para bloqueios de nervo periférico guiados por ultrassom.

  5. Comparação entre raquianestesia, bloqueio combinado raqui-peridural e raquianestesia contínua para cirurgias de quadril em pacientes idosos: estudo retrospectivo Comparación entre raquianestesia, bloqueo combinado raqui-peridural y raquianestesia continua para cirugías de cuadril en pacientes ancianos: estudio retrospectivo Comparison between spinal, combined spinal-epidural and continuous spinal anesthesias for hip surgeries in elderly patients: a retrospective study

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luiz Eduardo Imbelloni

    2002-06-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: Diversas questões envolvem os estudos, as análises e o tamanho da amostra para que sejam demonstrados os benefícios da anestesia regional. Análise de dados geralmente custa menos e requer menos tempo quando comparado com amplo estudo aleatório controlado. Esta análise retrospectiva compara a raquianestesia contínua, o bloqueio combinado raqui-peridural e a raquianestesia simples para cirurgias de quadril em pacientes idosos durante quatro anos, para determinar as possíveis vantagens e desvantagens das três técnicas. MÉTODO: Foram avaliados 300 prontuários sendo que: 100 pacientes receberam raquianestesia simples (Grupo 1, 100 receberam bloqueio combinado raqui-peridural (Grupo 2 e 100 receberam raquianestesia contínua (Grupo 3 nos últimos quatro anos. Todos os bloqueios foram realizados em decúbito lateral esquerdo. Foram avaliados: sucesso de punção, nível da analgesia, bloqueio motor de membros inferiores, qualidade da anestesia, necessidade de complementação, incidência de falhas, parestesias, cefaléia pós-punção, alterações cardiovasculares, confusão mental e delírio, transfusão sangüínea e mortalidade. RESULTADOS: Não existiu diferença significativa entre os grupos em relação a idade, peso e sexo. Os pacientes do grupo 2 foram menores do que os do grupo 1 e 3. As doses utilizadas foram de 15,30 mg de bupivacaína no grupo 1; 23,68 mg no grupo 2 e 10,10 mg no grupo 3. Não foi encontrada diferença significativa (p JUSTIFICATIVA Y OBJETIVOS: Diversas cuestiones envuelven los estudios, las análisis y el tamaño de la muestra para que sean demostrados los beneficios de la anestesia regional. Las análisis de datos generalmente cuestan menos y requieren menos tiempo, cuando comparado con un amplio estudio aleatorio controlado. Esta análisis retrospectiva compara la raquianestesia continua, el bloqueo combinado raqui-peridural y la raquianestesia simple para cirugías de cuadril en

  6. Early implant-associated osteomyelitis results in a peri-implanted bacterial reservoir

    DEFF Research Database (Denmark)

    Jensen, Louise Kruse; Koch, Janne; Aalbæk, Bent

    2017-01-01

    weight of Staphylococcus aureus or saline was inserted into the right tibial bone of 12 pigs. The animals were consecutively killed on day 2, 4 and 6 following implantation. Bone tissue around the implant was histologically evaluated. Identification of S. aureus was performed immunohistochemically...... on tissue section and with scanning electron microscopy and peptide nucleic acid in situ hybridization on implants. The distance of the peri-implanted pathological bone area (PIBA), measured perpendicular to the implant, was significantly larger in infected animals compared to controls (p = 0...

  7. Influence of different implant materials on the primary stability of orthodontic mini-implants

    OpenAIRE

    Chin-Yun Pan; Szu-Ting Chou; Yu-Chuan Tseng; Yi-Hsin Yang; Chao-Yi Wu; Ting-Hsun Lan; Pao-Hsin Liu; Hong-Po Chang

    2012-01-01

    This study evaluates the influence of different implant materials on the primary stability of orthodontic mini-implants by measuring the resonance frequency. Twenty-five orthodontic mini-implants with a diameter of 2 mm were used. The first group contained stainless steel mini-implants with two different lengths (10 and 12 mm). The second group included titanium alloy mini-implants with two different lengths (10 and 12 mm) and stainless steel mini-implants 10 mm in length. The mini-implants w...

  8. Aspectos bioéticos e médico-legais do implante coclear em crianças Bioethics and medical/legal considerations on cochlear implants in children

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ivan Dieb Miziara

    2012-06-01

    Full Text Available Implante coclear é a melhor forma de correção da surdez profunda nas formas congênitas. As crianças "implantáveis" são tidas como "vulneráveis", recaindo a decisão de se implantar sobre os responsáveis. Pelo Código Penal Brasileiro, o surdo-mudo pode ter sua imputabilidade reduzida. Existem controvérsias bioéticas a respeito do implante, pois parcela dos representantes da chamada "comunidade de surdos" vê nele uma maneira de "dizimar" sua cultura e valores intrínsecos. OBJETIVOS: Discutir em termos bioéticos a validade de se realizar implante coclear em criança, analisando a sua vulnerabilidade e os aspectos socioculturais do problema, e discutir aspectos médico-legais a respeito da imputabilidade do surdo-mudo. MATERIAL E MÉTODOS: Forma de estudo: pesquisou-se o tema nas bases de dados Medline e Lilacs e a análise ética foi baseada na Bioética Principialista. RESULTADOS: O implante coclear é a melhor opção terapêutica para correção da surdez profunda, estando moralmente justificado. Quanto à imputabilidade penal do surdo-mudo é necessário analisar seu grau de entendimento e autodeterminação à época dos fatos a ele imputados. CONCLUSÕES: O implante coclear é moralmente válido. Sua aplicação deverá ser analisada em cada caso, cabendo ao otorrinolaringologista a responsabilidade ética pela indicação, após assinatura de termo de consentimento pelos responsáveis pela criança.Cochlear implants are the best treatment for congenital profound deafness. Pediatric candidates to implantation are seen as vulnerable citizens, and the decision of implanting cochlear devices is ultimately in the hands of their parents/guardians. The Brazilian Penal Code dictates that deaf people may enjoy diminished criminal capacity. Many are the bioethical controversies around cochlear implants, as representatives from the deaf community have seen in them a means of decimating their culture and intrinsic values. OBJECTIVE: This

  9. Estudo experimental da aplicação do ventrículo artificial eletromecânico pulsátil implantável Experimental study of pulsatile implantable electromechanical artificial ventricle

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Jarbas Jakson Dinkhuysen

    2011-03-01

    Full Text Available OBJETIVO: Apresentar os resultados da aplicação deste dispositivo em animais de experimentação, promovendo auxílio hemodinâmico apenas ao ventrículo esquerdo (VE. MÉTODOS: Entre junho 2002 e outubro 2009, foram implantados em 27 bezerros com idade 2½ a 4 meses e peso 80/100 kg e, por meio de anestesia geral e ventilação controlada e de toracotomia lateral esquerda, era introduzida cânula no ápice do VE e anastomose término/lateral de tubo vascular de politetrafluoretileno (PTFE com a porção descendente da aorta torácica, ambos interligados ao dispositivo implantado no subcutâneo abaixo do diafragma (24 e intratorácico (três. Em cinco bezerros, o dispositivo foi aplicado com auxílio de circulação extracorpórea (CEC e, em 22, sem CEC. RESULTADOS: Ocorreram dois óbitos durante o implante e três por causas diversas nas primeiras horas de pós-operatório (PO, sendo um relacionado ao dispositivo. A sobrevivência entre o 1º e 6º dia de PO ocorreu em 17 animais e entre o 8º e 31º dia de PO em cinco, com causas determinantes diversas, não só por problemas clínico/cirúrgicos, mas também relacionados ao dispositivo. O impacto hemodinâmico avaliado pela análise da pressão sistêmica mostrou incremento que variou de 20 a 40 mmHg e os dados laboratoriais analisados demonstraram baixos impactos traumáticos à crase sanguínea e boa biocompatibilidade. CONCLUSÃO: Trata-se de pesquisa árdua e complexa onde a cada experimento são identificados problemas não só de implantabilidade, mas também relacionados ao dispositivo, que vão sendo sistematicamente corrigidos, tornando-o cada vez mais seguro e eficaz.OBJECTIVE: The objective is to present the results of the application this device in experimental animals unloading only the left ventricle. METHODS: Between June 2002 and October 2009, were implanted in 27 calfs with age between 2½ to 4 months and 80 to 100 kg of weight, with general anaesthesia and controled

  10. Influence of different implant materials on the primary stability of orthodontic mini-implants.

    Science.gov (United States)

    Pan, Chin-Yun; Chou, Szu-Ting; Tseng, Yu-Chuan; Yang, Yi-Hsin; Wu, Chao-Yi; Lan, Ting-Hsun; Liu, Pao-Hsin; Chang, Hong-Po

    2012-12-01

    This study evaluates the influence of different implant materials on the primary stability of orthodontic mini-implants by measuring the resonance frequency. Twenty-five orthodontic mini-implants with a diameter of 2 mm were used. The first group contained stainless steel mini-implants with two different lengths (10 and 12 mm). The second group included titanium alloy mini-implants with two different lengths (10 and 12 mm) and stainless steel mini-implants 10 mm in length. The mini-implants were inserted into artificial bones with a 2-mm-thick cortical layer and 40 or 20 lb/ft(3) trabecular bone density at insertion depths of 2, 4, and 6 mm. The resonance frequency of the mini-implants in the artificial bone was detected with the Implomates(®) device. Data were analyzed by two-way analysis of variance followed by the Tukey honestly significant difference test (α = 0.05). Greater insertion depth resulted in higher resonance frequency, whereas longer mini-implants showed lower resonance frequency values. However, resonance frequency was not influenced by the implant materials titanium alloy or stainless steel. Therefore, the primary stability of a mini-implant is influenced by insertion depth and not by implant material. Insertion depth is extremely important for primary implant stability and is critical for treatment success. Copyright © 2012. Published by Elsevier B.V.

  11. Influence of different implant materials on the primary stability of orthodontic mini-implants

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Chin-Yun Pan

    2012-12-01

    Full Text Available This study evaluates the influence of different implant materials on the primary stability of orthodontic mini-implants by measuring the resonance frequency. Twenty-five orthodontic mini-implants with a diameter of 2 mm were used. The first group contained stainless steel mini-implants with two different lengths (10 and 12 mm. The second group included titanium alloy mini-implants with two different lengths (10 and 12 mm and stainless steel mini-implants 10 mm in length. The mini-implants were inserted into artificial bones with a 2-mm-thick cortical layer and 40 or 20 lb/ft3 trabecular bone density at insertion depths of 2, 4, and 6 mm. The resonance frequency of the mini-implants in the artificial bone was detected with the Implomates® device. Data were analyzed by two-way analysis of variance followed by the Tukey honestly significant difference test (α = 0.05. Greater insertion depth resulted in higher resonance frequency, whereas longer mini-implants showed lower resonance frequency values. However, resonance frequency was not influenced by the implant materials titanium alloy or stainless steel. Therefore, the primary stability of a mini-implant is influenced by insertion depth and not by implant material. Insertion depth is extremely important for primary implant stability and is critical for treatment success.

  12. Imaging of common breast implants and implant-related complications: A pictorial essay

    OpenAIRE

    Shah, Amisha T; Jankharia, Bijal B

    2016-01-01

    The number of women undergoing breast implant procedures is increasing exponentially. It is, therefore, imperative for a radiologist to be familiar with the normal and abnormal imaging appearances of common breast implants. Diagnostic imaging studies such as mammography, ultrasonography, and magnetic resonance imaging are used to evaluate implant integrity, detect abnormalities of the implant and its surrounding capsule, and detect breast conditions unrelated to implants. Magnetic resonance i...

  13. Estudo experimental do implante transcateter de prótese valvada autoexpansível na via de saída do ventrículo direito em porcos Transcatheter implantation of self-expandable valved prosthesis in outlet right ventricle an experimental study in pigs

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    José Cícero Stocco Guilhen

    2011-09-01

    Full Text Available INTRODUÇÃO: Nos pacientes portadores de cardiopatias congênitas que foram submetidos à valvotomia pulmonar ou cirurgias de ampliação com o uso do anel da válvula pulmonar, a insuficiência ou estenose pulmonar residual pode acarretar falência cardíaca direita com deterioração clínica. Essas crianças necessitam de múltiplas intervenções ao longo de suas vidas, que impõem uma elevada taxa de morbidade e mortalidade. OBJETIVO: Desenvolvimento de uma técnica menos invasiva para implante de uma prótese valvada através do ventrículo direito. MÉTODOS: A prótese valvada consiste em um anel metálico construído com nitinol autoexpansível, revestida de poliéster, onde três cúspides de pericárdio bovino foram montadas. Doze porcos foram utilizados para a realização dos implantes. Foi realizado controle ecocardiográfico imediatamente após o implante e com uma, quatro, oito e 12 semanas. RESULTADOS: Um animal apresentou refluxo de grau moderado a importante e outros três refluxo de grau leve. Os gradientes transvalvares medidos antes do implante variavam entre 3 a 6 mmHg, sendo que, logo após o implante, houve aumento dos gradientes que variaram de 7 a 45 mmHg. Houve queda desses gradientes, sendo que em apenas quatro dos 12 animais os gradientes estavam acima de 20 mmHg. Em seis animais, ocorreu a formação de trombo na prótese, sendo esta a complicação mais frequente. CONCLUSÃO: Esses achados evidenciam a necessidade da realização de estudos com a utilização de anticoagulantes e ou antiagregantes plaquetários na tentativa de diminuir esse evento. O estudo pretende apresentar subsídios para o início do emprego de próteses valvares que poderiam ser implantadas através de técnicas menos invasivasINTRODUCTION: Patients with congenital heart disease who underwent pulmonary valvotomy or surgery to open the pulmonary valve ring are prone to develop residual pulmonary insufficiency or stenosis that may lead to

  14. Dental Implant Surgery

    Science.gov (United States)

    ... here to find out more. Dental Implant Surgery Dental Implant Surgery Dental implant surgery is, of course, ... to find out more. Wisdom Teeth Management Wisdom Teeth Management An impacted wisdom tooth can damage neighboring ...

  15. [Clinical application of individualized three-dimensional printing implant template in multi-tooth dental implantation].

    Science.gov (United States)

    Wang, Lie; Chen, Zhi-Yuan; Liu, Rong; Zeng, Hao

    2017-08-01

    To study the value and satisfaction of three-dimensional printing implant template and conventional implant template in multi-tooth dental implantation. Thirty cases (83 teeth) with missing teeth needing to be implanted were randomly divided into conventional implant template group (CIT group, 15 cases, 42 teeth) and 3D printing implant template group (TDPIT group, 15 cases, 41 teeth). Patients in CIT group were operated by using conventional implant template, while patients in TDPIT group were operated by using three-dimensional printing implant template. The differences of implant neck and tip deviation, implant angle deviation and angle satisfaction between the two groups were compared. The difference of probing depth and bone resorption of implant were compared 1 year after operation between the two groups. The difference of success rate and satisfaction of dental implantation were compared 1 year after operation between the two groups. SPSS19.0 software package was used for statistical analysis. The deviation direction of the neck and the tip in disto-mesial, bucco-palatal, vertical direction and angle of implants in disto-mesial and bucco-palatal direction in TDPIT group were significantly lower than in CIT group (P0.05). The difference of the cumulative success rate in dental implantation at 3 months and 6 months between the two groups were not significant (P>0.05), but the cumulative success rate of TDPIT group was significantly higher than CIT group at 9 months and 1 year (90.48% vs 100%,P=0.043). The patients' satisfaction rate of dental implantation in TDPIT group was significantly higher than in CIT group (86.67% vs 53.33%, P=0.046). Using three-dimensional printing implant template can obtain better accuracy of implant, higher implant success rate and better patients' satisfaction than using conventional implant template. It is suitable for clinical application.

  16. Uso do bloqueio combinado raqui-peridural durante cirurgia de cólon em paciente de alto risco: relato de caso Uso del bloqueo combinado raquiepidural durante cirugía de colon en paciente de alto riesgo: relato de caso Combined spinal epidural anesthesia during colon surgery in a high-risk patient: case report

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luiz Eduardo Imbelloni

    2009-12-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: O bloqueio combinado raqui-peridural (BCRP oferece vantagens sobre a anestesia peridural ou subaracnóidea com injeção única. O objetivo deste relato foi apresentar um caso onde a anestesia subaracnóidea segmentar pode ser técnica efetiva para intervenção cirúrgica gastrintestinal com respiração espontânea. RELATO DO CASO: Paciente estado físico ASA III, diabetes mellitus tipo II, com hipertensão arterial sistêmica e doença pulmonar obstrutiva crônica, foi escalada para ressecção de tumor de cólon direito. O BCRP foi realizado no interespaço T5 - T6 e foram injetados 8 mg de bupivacaína a 0,5% isobárica acrescida de 50 µg de morfina no espaço subaracnóideo. O cateter peridural (20G foi introduzido quatro centímetros em direção cefálica. Foi obtida sedação com doses fracionadas de 1 mg de midazolam (total de 6 mg. Bupivacaína a 0,5% foi administrada em bolus de 25 mg através do cateter duas horas após a anestesia subaracnóidea. Não houve necessidade de vasopressor nem atropina. CONCLUSÕES: Este caso proporciona evidências de que a raquianestesia segmentar pode ser uma técnica anestésica para operação gastrintestinal com respiração espontânea.JUSTIFICATIVA Y OBJETIVOS: El bloqueo combinado raquiepidural (BCRE, tiene ventajas sobre la anestesia epidural o subaracnoidea con inyección única. El objetivo de este relato, fue presentar un caso donde la anestesia subaracnoidea segmentaria, puede ser una técnica efectiva para la intervención quirúrgica gastrointestinal con respiración espontánea. RELATO DEL CASO: Paciente estado físico ASA III, diabetes mellitus tipo II, con hipertensión arterial sistémica y enfermedad pulmonar obstructiva crónica, que fue indicada para la resección del tumor de colon derecho. El BCRE se realizó en el interespacio T5 - T6, y se inyectaron 8 mg de bupivacaína a 0,5% isobárica con 50 µg más de morfina en el espacio subaracnoideo. El cat

  17. El simulador en línea como herramienta de formación para personas con pérdida auditiva

    OpenAIRE

    Quintana, Nelba; González, Alejandro Héctor; Madoz, María Cristina

    2017-01-01

    Este trabajo consiste en la presentación de la mejora de un simulador educativo en línea, para aprender el uso de herramientas digitales como medio para optimizar sus estrategias comunicacionales en una entrevista laboral; dicho simulador se denominará ELH (entrevistas laborales para personas con hipoacusia) y será utilizado en un curso de capacitación a personas con pérdida auditiva que utilizan dispositivos auditivos (audífonos o implantes cocleares). Se basa en el trabajo final presentado ...

  18. Fluid heating system (SAF®: effects on clinical and biochemistry parameters in dogs submitted to inhalatory anesthesia Sistema de aquecimento de fluidos (SAF®: efeitos sobre parâmetros clínicos e bioquímica sérica em cadelas sob anestesia inalatória

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ingrid Bueno Atayde

    2009-04-01

    ímicas significativas, mas houve efeito de grupo sobre as variáveis PAM, uréia, ALT, ALP e tempo de hipnose. CONCLUSÃO: O uso isolado do Sistema de Aquecimento de Fluidos (SAF® não foi suficiente para evitar o estabelecimento da hipotermia em cadelas submetidas a anestesia geral inalatória, ou promover alterações clínicas e bioquímicas significativas.

  19. Osseointegration of zirconia implants: an SEM observation of the bone-implant interface.

    Science.gov (United States)

    Depprich, Rita; Zipprich, Holger; Ommerborn, Michelle; Mahn, Eduardo; Lammers, Lydia; Handschel, Jörg; Naujoks, Christian; Wiesmann, Hans-Peter; Kübler, Norbert R; Meyer, Ulrich

    2008-11-06

    The successful use of zirconia ceramics in orthopedic surgery led to a demand for dental zirconium-based implant systems. Because of its excellent biomechanical characteristics, biocompatibility, and bright tooth-like color, zirconia (zirconium dioxide, ZrO2) has the potential to become a substitute for titanium as dental implant material. The present study aimed at investigating the osseointegration of zirconia implants with modified ablative surface at an ultrastructural level. A total of 24 zirconia implants with modified ablative surfaces and 24 titanium implants all of similar shape and surface structure were inserted into the tibia of 12 Göttinger minipigs. Block biopsies were harvested 1 week, 4 weeks or 12 weeks (four animals each) after surgery. Scanning electron microscopy (SEM) analysis was performed at the bone implant interface. Remarkable bone attachment was already seen after 1 week which increased further to intimate bone contact after 4 weeks, observed on both zirconia and titanium implant surfaces. After 12 weeks, osseointegration without interposition of an interfacial layer was detected. At the ultrastructural level, there was no obvious difference between the osseointegration of zirconia implants with modified ablative surfaces and titanium implants with a similar surface topography. The results of this study indicate similar osseointegration of zirconia and titanium implants at the ultrastructural level.

  20. Carga inmediata de implantes monofásicos postextracción utilizando los expansores roscados atraumáticos: estudio retrospectivo 2001-2011

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Riham Mostafa Eldibany

    2015-10-01

    Conclusiones: Tras haber analizado toda la secuencia referida a la carga inmediata, podemos concluir que los implantes monofásicos insertados con la aplicación de esta técnica son un procedimiento predecible: su éxito en el maxilar inferior en nuestro estudio de 10 años fue del 98%. Sin embargo, es necesario determinar los casos candidatos para dicho procedimiento, así como las características del implante que favorecen la implantación inmediata.

  1. Anestesia para timectomía toracoscópica, vídeo asistida: Reporte de 4 casos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Mercedes Argudín Cordero

    2000-06-01

    Full Text Available La timectomía toracoscópica con vídeo asistida en el niño es un hecho verdaderamente novedoso en Cuba, en atención a la incidencia de la miastenia gravis en la población joven, aunque dicho procedimiento no está exento de producir complicaciones; ahora bien, si se tiene en cuenta la técnica clásica de abordaje del timo, éstas son mínimas. En el presente trabajo se relaciona la información correspondiente de 4 pacientes, de uno y otro sexos, adolescentes, ASA II y programados para cirugía mayor electiva (timectomía, en los cuales se midieron: frecuencia cardíaca, electrocardiograma, presión arterial sistólica y diastólica respectivamente, frecuencia respiratoria, temperatura esofágica, oximetría de pulso y capnometría, antes, durante y después del procedimiento. Se obtuvieron resultados que concuerdan con la literatura médica revisada, y se concluye como una superior alternativa en los pacientes con miastenia gravis, por las bondades que se observan en los aspectos de baja invasividad, mínimas complicaciones y menor estadía hospitalaria.Video-assisted thoracoscopic thymectomy in children is a real novelty in Cuba to take care of the incidence of myasthenia gravis in the young population. Although such method is not wholly complication-free, if we compare it with the classical technique to thymus approach, then the risks are minimal. The present paper provides information on 4 patients of both sexes, adolescents, ASA II and due to undergo major elective surgery (thymectomy. Parameters such as heart rate, electrocardiogram, systolic and diastolic arterial pressures, respiratory rate, esophagic temperature, pulse oxymetry and capnometry were measured before, during and after surgery. The results achieved were in line with the reviewed literature so the conclusion was reached that this technique is a better choice for patients with myasthenia gravis because of the advantages it offers such as low invasiveness, minimum

  2. Influencia de las cargas triboeléctricas y de la contaminación sintomática de los implantes Triboelectric charges and breast implant symptomatic contamination

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    G. Peña Cabús

    2007-12-01

    Full Text Available El hallazgo ocasional de energía estática importante en un implante mamario, generó una revisión sistemática de la información disponible al respecto que restableció una secuencia de eventos y conceptos de importancia, a nuestro juicio, en la práctica clínica Los implantes mamarios son elastómeros resultantes de la polimerización industrial que pueden generar cargas electrostáticas en su superficie. El efecto triboeléctrico puede mantener suficiente energía estática como para atraer partículas de material capaces de producir una contaminación periprotésica sintomática. El desconocer esta propiedad física puede llevar a una práctica clínica de riesgo al colocar implantes mamarios. Adicionalmente se revisa la microbiología involucrada en la formación capsular periprotésica sintomática y la infección por bacterias productoras de "biofilm".An incidental finding of static energy upon the surface of a breast implant, generated a systematic search that led to a link between triboelectric charges and symptomatic periprosthetic infection. Breast implants are industrial elastomers that may result with electrostatic charges on its surface. Its propper resistivity allows silicone to maintain enough static that atracts and adheres particulate matter to become surface contamination with periprosthetic tissue reaction. Recognition of this particular physical property and its clinical implications allows for safer conditions of practice. We review microbiology involved in periprosthetic capsular formation and infection by "biofilm" producer bacteria.

  3. Intubación digital hoy: Una técnica subestimada al alcance de su mano

    OpenAIRE

    Kling Gómez, Juan Carlos; Ariza, Fredy

    2005-01-01

    Objetivos: Evaluar la eficacia, aplicabilidad y respuesta hemodinámica durante la intubación digital en pacientes quirúrgicos, comparada con la laringoscopia directa, para determinar su papel actual en el ámbito clínico. Métodos: Se realizó un estudio prospectivo controlado aleatorizado, involucrando 88 pacientes mayores de 12 años sometidos a cirugía electiva bajo anestesia general. Se excluyeron aquellos sujetos que tenían indicación para intubación con paciente despierto, intubación de sec...

  4. USO DE CURVAS CUSUM COMO MÉTODO DE ENSEÑANZA EN VIDEO LARINGOSCOPIA

    OpenAIRE

    Burbano, Mario Andrés Zamudio; Novoa, Edgar Alfonso Ramírez

    2017-01-01

    Resumen: Objetivo: describir el uso de curvas de aprendizaje de sumatoria acumulada (Cusum) como herramienta objetiva de enseñanza en videolaringoscopia. Importancia del Tema: se requiere de una herramienta objetiva para la enseñanza de habilidades en anestesia para alcanzar el mejor porcentaje de éxito. Metodologí a: de 165 procedimientos de intubación realizados por diez residentes del grupo de vía aérea de la Universidad de Antioquia se crearon curvas Cusum, según los estándares de educ...

  5. Polipectomía histeroscópica ambulatoria con energía mecánica: estudio de los resultados comparado con el sistema de energía bipolar

    OpenAIRE

    Rovira Pampalona, Jennifer

    2015-01-01

    La histeroscopia es una técnica fundamental en la práctica ginecológica actual. Los distintos avances tecnológicos en el ámbito de la endoscopia han permitido que en la actualidad podamos realizar una histeroscopia diagnóstica-terapéutica a nivel ambulatorio ("see and tract") sin la necesidad de dilatación cervical ni la utilización de anestesia, aportando así, unos beneficios tanto para el profesional como para la paciente. El objetivo básico de esta tesis, fue comparar la eficacia del histe...

  6. Restoration of sensitivity after removal of the sural nerve: a new application of lateroterminal neurorraphy

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fausto Viterbo

    Full Text Available Os autores propõem o emprego da neurorrafia término-lateral do coto distal do nervo sural na face lateral do nervo fibular superficial para evitar anestesia ou hipoestesia na face lateral do pé após a retirada do nervo sural para enxertia. A proximidade anatômica entre os nervos em questão tornam o procedimento simples, sem aumentar o tempo cirúrgico. A neurorrafia término-lateral proposta não prejudica as estruturas inervadas pelo nervo doador .

  7. Influence of controlled immediate loading and implant design on peri-implant bone formation.

    Science.gov (United States)

    Vandamme, Katleen; Naert, Ignace; Geris, Liesbet; Vander Sloten, Jozef; Puers, Robert; Duyck, Joke

    2007-02-01

    Tissue formation at the implant interface is known to be sensitive to mechanical stimuli. The aim of the study was to compare the bone formation around immediately loaded versus unloaded implants in two different implant macro-designs. A repeated sampling bone chamber with a central implant was installed in the tibia of 10 rabbits. Highly controlled loading experiments were designed for a cylindrical (CL) and screw-shaped (SL) implant, while the unloaded screw-shaped (SU) implant served as a control. An F-statistic model with alpha=5% determined statistical significance. A significantly higher bone area fraction was observed for SL compared with SU (pimplant contact occurred was the highest for SL and significantly different from SU (pimplant contact was observed, a loading (SL versus SU: p=0.0049) as well as an implant geometry effect (SL versus CL: p=0.01) was found, in favour of the SL condition. Well-controlled immediate implant loading accelerates tissue mineralization at the interface. Adequate bone stimulation via mechanical coupling may account for the larger bone response around the screw-type implant compared with the cylindrical implant.

  8. Influence of Implant Positions and Occlusal Forces on Peri-Implant Bone Stress in Mandibular Two-Implant Overdentures: A 3-Dimensional Finite Element Analysis.

    Science.gov (United States)

    Alvarez-Arenal, Angel; Gonzalez-Gonzalez, Ignacio; deLlanos-Lanchares, Hector; Brizuela-Velasco, Aritza; Dds, Elena Martin-Fernandez; Ellacuria-Echebarria, Joseba

    2017-12-01

    The aim of this study was to evaluate and compare the bone stress around implants in mandibular 2-implant overdentures depending on the implant location and different loading conditions. Four 3-dimensional finite element models simulating a mandibular 2-implant overdenture and a Locator attachment system were designed. The implants were located at the lateral incisor, canine, second premolar, and crossed-implant levels. A 150 N unilateral and bilateral vertical load of different location was applied, as was 40 N when combined with midline load. Data for von Mises stress were produced numerically, color coded, and compared between the models for peri-implant bone and loading conditions. With unilateral loading, in all 4 models much higher peri-implant bone stress values were recorded on the load side compared with the no-load side, while with bilateral occlusal loading, the stress distribution was similar on both sides. In all models, the posterior unilateral load showed the highest stress, which decreased as the load was applied more mesially. In general, the best biomechanical environment in the peri-implant bone was found in the model with implants at premolar level. In the crossed-implant model, the load side greatly altered the biomechanical environment. Overall, the overdenture with implants at second premolar level should be the chosen design, regardless of where the load is applied. The occlusal loading application site influences the bone stress around the implant. Bilateral occlusal loading distributes the peri-implant bone stress symmetrically, while unilateral loading increases it greatly on the load side, no matter where the implants are located.

  9. Barotrauma pulmonar no intra-operatório de procedimento cirúrgico oftalmológico: relato de caso Barotrauma pulmonar en el intraoperatorio de procedimiento quirúrgico oftalmológico: relato de caso Intraoperative pulmonary barotrauma during ophthalmologic surgery: case report

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Affonso Henrique Zugliani

    2008-02-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: Acidentes anestésicos graves por mau funcionamento de ventiladores mecânicos tornaram-se raros nos tempos atuais. Porém, detalhes técnicos, mesmo em aparelhos de fabricação recente, podem resultar em armadilhas para o anestesiologista e ameaçar a segurança do paciente. O objetivo deste relato de caso foi enfatizar a necessidade de análise criteriosa do material em uso, assim como de detectar e tratar o pneumotórax hipertensivo intra-operatório. RELATO DO CASO: Paciente do sexo feminino, 16 anos, estado físico ASA I, submetida a recobrimento conjuntival de córnea sob anestesia geral. A manutenção foi feita com isoflurano e ventilação controlada mecânica. A anestesia transcorreu sem anormalidades. Na fase final do procedimento cirúrgico, após mobilização do aparelho de anestesia para o início do procedimento de despertar, observou-se quadro de hipóxia, hipotensão arterial e dificuldade ventilatória. Retirados os campos cirúrgicos, evidenciou-se importante enfisema subcutâneo, envolvendo a face, o pescoço e o membro superior. Procedeu-se à troca da cânula traqueal, observando-se a presença de sangue em seu interior. A radiografia de tórax confirmou o diagnóstico de pneumotórax, que foi prontamente drenado. A inspeção no equipamento revelou acotovelamento da mangueira que liga a região inferior do canister ao corpo do aparelho, em função da mobilização do braço articulado, bloqueando o fluxo normal de gases e levando a barotrauma pulmonar. CONCLUSÕES: O pneumotórax hipertensivo durante anestesia geral com ventilação com pressão positiva deve ser sempre um acidente a ser considerado. Múltiplos fatores podem precipitá-lo, o que exige alto grau de suspeição sempre que estiverem envolvidos no ato anestésico-cirúrgico. O equipamento de anestesia deve ser cuidadosamente examinado para que sejam detectadas potenciais causas de acidentes anestésicos.JUSTIFICATIVA Y OBJETIVOS

  10. CLINICAL CONSIDERATIONS OF DENTAL IMPLANT SYSTEM IN IMMEDIATE LOADING IMPLANT CASES

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Carolina Damayanti Marpaung

    2015-06-01

    Full Text Available Immediate loading of dental implant has been researched intensively in the development of Branemark’s early concept of 2 stages implant placement. This was embarked from both patients and practiitioner’s convenience towards a simpler protocol and shorter time frame. Many recent researchers later found that micromotions derived from occlusal loading for a certain degree, instead of resulting a fibrous tissue encapsulation, can enhance the osseointegration process. Dental Implant system enhancement towards maximizing the primary stability held a key factor in Branemark’s concept development. Surgical protocol and implant design was found to give a significant contribution to the prognosis of immediate-loading implants.

  11. Implante transcateter de valva aórtica: resultados atuais do desenvolvimento e implante de um nova prótese brasileira Transcatheter aortic valve implantation: results of the current development and implantation of a new Brazilian prosthesis

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Diego Felipe Gaia

    2011-09-01

    Full Text Available OBJETIVO: A troca valvar aórtica é procedimento rotineiro com risco aceitável. Em alguns casos, a mortalidade é elevada, contraindicando o procedimento. O implante minimamente invasivo transcateter de valva aórtica parece ser alternativa, reduzindo a morbimortalidade. A avaliação dos resultados clínicos, segurança e eficácia do procedimento são o objetivo desse estudo. MÉTODOS: Uma prótese transcateter, balão expansível foi utilizada em 33 casos de alto risco. EuroScore médio foi de 39,30% e STS score de 30,28%. Oito pacientes apresentavam disfunção de bioprótese e o restante, estenose aórtica calcificada. Os procedimentos foram realizados em ambiente cirúrgico híbrido, sob controle ecocardiográfico e fluoroscópico. Através de minitoracotomia esquerda, as próteses foram implantadas pelo ápice ventricular, sob estimulação de alta frequência ou choque hemorrágico. Foram realizados controles clínicos e ecocardiográficos. RESULTADOS: A correta liberação da prótese foi possível em 30 casos. Três conversões ocorreram. A mortalidade operatória foi de um caso e a mortalidade em 30 dias, 18,18%. O gradiente médio reduziu de 43,58 para 10,54 mmHg. A fração de ejeção apresentou aumento significativo após o 7º pós-operatório. Insuficiência aórtica residual esteve presente em 30,30% dos pacientes. Ocorreu uma complicação vascular periférica e um caso de bloqueio atrioventricular total. Um paciente apresentou acidente vascular cerebral. A mortalidade em 30 dias foi de 18,18%. CONCLUSÃO: O implante transapical de valva aórtica transcateter é procedimento seguro e com resultados de médio prazo satisfatórios. São necessários estudos de longo prazo com maior poder amostral no intuito de determinar resultado hemodinâmico, qualidade de vida e sobrevida em longo prazoOBJECTIVE: Aortic valve replacement is a routine procedure with acceptable risk, but in some cases, such risk can justify contraindication

  12. Sensor LC para la medida de pequeñas deformaciones : aplicación en mallas abdominales /

    OpenAIRE

    Cerón Hurtado, Nathalie Marcela,

    2017-01-01

    Bibliografia. Los sensores basados en circuitos pasivos resonantes tipo LC han sido ampliamente estudiados principalmente para su uso en entornos hostiles como: temperaturas elevadas, medios corrosivos o aplicaciones biomédicas (especialmente las de uso implantable). La baja complejidad, adaptabilidad, el bajo coste y el hecho de que no precisen baterías ni conectarse a una red de alimentación ni un circuito especializado para trasmisión de energía e información, son algunas de las caracte...

  13. Caracterização de mini-implantes utilizados na ancoragem ortodôntica Characterization of the mini-implants used to orthodontic anchorage

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luciana Rougemont Squeff

    2008-10-01

    Full Text Available INTRODUÇÃO: o diâmetro reduzido do mini-implante, e a decorrente facilidade na sua inserção, minimizam a possibilidade de erro do operador e de contato entre a rosca do mini-implante e a raiz dentária. Entretanto, o risco de fratura da peça aumenta à medida que seu diâmetro é diminuído. MÉTODOS: neste trabalho foram analisados quatro produtos de marcas nacionais (INP, SIN, Conexão e Neodente e um de marca alemã (Mondeal, com o objetivo de identificar características importantes para o bom desempenho deste recurso como acessório de ancoragem. Foram observados composição e design das peças e realizado o ensaio mecânico de torque até a fratura (estudo in vitro, cujos valores foram submetidos à análise de variância (ANOVA e teste de Tukey. RESULTADOS: os resultados mostraram que todos os mini-implantes testados estão aptos à utilização clínica como reforço de ancoragem ortodôntica.INTRODUCTION: The reduced diameter of the mini-implants and the simplicity of the technique could minimize the operator mistake's possibility and avoid the contact between the thread of the screw and the dental root. In spite of that, it increases the fracture risk because of the diameter's decrease. METHODS: At the present work, mini-implants from five different trade marks, four Brazilian systems (INP, SIN, Conexão and Neodente and a German system (Mondeal were studied to identify important characteristics of this anchorage accessory, like composition, design and resistance to the insertion torque (in vitro. The values obtained from the mechanical torque test were submitted to variance analysis (ANOVA and Tukey's test. RESULTS: All studied groups presented good results and are recommended to orthodontic clinic use.

  14. Psychological intervention following implantation of an implantable defibrillator

    DEFF Research Database (Denmark)

    Pedersen, Susanne S.; van den Broek, Krista C; Sears, Samuel F

    2007-01-01

    The medical benefits of the implantable cardioverter defibrillator (ICD) are unequivocal, but a subgroup of patients experiences emotional difficulties following implantation. For this subgroup, some form of psychological intervention may be warranted. This review provides an overview of current ...

  15. Comparación de carga inmediata frente a carga convencional de implantes inmediatos con prótesis fijas de arco completo

    OpenAIRE

    Peñarrocha Oltra, David

    2014-01-01

    Comparación de carga inmediata frente a carga convencional de implantes inmediatos con prótesis fijas de arco completo. OBJETIVOS El propósito del estudio fue evaluar las diferencias entre los protocolos de carga inmediata y carga convencional para rehabilitar a pacientes con el maxilar o la mandíbula parcialmente desdentados en los que esté indicada la extracción de todos los dientes remanentes, con prótesis fijas de arco completo sobre implantes dentales inmediatos y no inmediatos, e...

  16. Efectos de diferentes tratamientos antiosteoporóticos sobre la osteointegración de implantes dentales en un modelo experimental en conejos

    OpenAIRE

    Almagro Fernández, María Isabel

    2011-01-01

    Los ensayos clínicos sugieren que la pérdida de masa ósea con el deterioro de la microarquitectura que caracteriza a la osteoporosis se considera un factor de riesgo para la osteointegración de los implantes dentales. Sin embargo, existen pocos estudios comparativos que proporcionen información sobre los efectos que el tratamiento antiosteoporótico provoca en la osteointegración de implantes dentales en estos pacientes. La hipótesis de esta tesis es que el tratamiento antiosteo...

  17. Prevalence of Peri-Implant Mucositis and Peri-Implantitis in Patients Treated with a Combination of Axial and Tilted Implants Supporting a Complete Fixed Denture

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Nicolò Cavalli

    2015-01-01

    Full Text Available Objectives. The aim of this retrospective study was to assess the incidence and prevalence of peri-implant mucositis and peri-implantitis in patients with a fixed full-arch prosthesis supported by two axial and two tilted implants. Materials and Methods. Sixty-nine patients were included in the study. Each patient received a fixed full-arch prosthesis supported by two mesial axial and two distal tilted implants to rehabilitate the upper arch, the lower arch, or both. Three hundred thirty-six implants for 84 restorations were delivered. Patients were scheduled for follow-up visits every 6 months in the first 2 years and yearly after. At each follow-up visit peri-implant mucositis and peri-implantitis were diagnosed if present. Results. The overall follow-up range was from 12 to 130 months (mean 63,2 months. Three patients presented peri-implantitis. The prevalence of peri-implant mucositis ranged between 0 and 7,14% of patients (5,06% of implants while the prevalence of peri-implantitis varied from 0 to 4,55% of patients (3,81% of implants. Conclusions. The prevalence and incidence of peri-implant mucositis and peri-implantitis are lower than most of the studies in literature. Therefore this kind of rehabilitation could be considered a feasible option, on the condition of adopting a systematic hygienic protocol.

  18. A new system of implant abutment connection: how to improve a two piece implant system sealing.

    Science.gov (United States)

    Grecchi, F; DI Girolamo, M; Cura, F; Candotto, V; Carinci, F

    2017-01-01

    Implant dentistry has become one of the most successful dentistry techniques for replacing missing teeth. The success rate of implant dentistry is above 80%. However, peri-implantitis is a later complication of implant dentistry that if untreated, can lead to implant loss. One of the hypotized causes of peri-implantis is the bacterial leakage at the level of implant-abutment connection. Bacterial leakage is favored to the presence of a micro gap at the implant-abutment interface, allowing microorganisms to penetrate and colonize the inner part of the implant leading to biofilm accumulation and consequently to peri-implantitis development. To identify the capability of the implant to protect the internal space from the external environment, the passage of genetically modified Escherichia coli across implant-abutment interface was evaluated. Implants were immerged in a bacterial culture for twenty-four hours and then bacteria amount was measured inside implant-abutment interface with Real-time PCR. Bacteria were detected inside all studied implants, with a median percentage of 9%. The reported results are better to those of previous studies carried out on different implant systems. Until now, none implant-abutment system has been proven to seal the gap between implant and abutment.

  19. Poly Implants Prosthèse Breast Implants: A Case Series and Review of the Literature.

    Science.gov (United States)

    Klein, Doron; Hadad, Eran; Wiser, Itay; Wolf, Omer; Itzhaki Shapira, Ortal; Fucks, Shir; Heller, Lior

    2018-01-01

    Silicone breast implants from the French manufacturer Poly Implants Prosthèse (PIP) were recalled from the European market after the French regulator has revealed the implants contain non-medical-grade silicone filler. In December 2011, following a large increase in reported rupture rate and a possible cancer risk, the French Ministry of Health recommended consideration of the PIP explantation, regardless of their condition. In 2012, the Israel Ministry of Health recommended to replace the implants only upon suspected implant rupture. The aims of this study were to characterize breast-augmented Israeli patients with PIP implants, compare their outcomes with those of breast-augmented patients with different implant types, and review the current PIP literature. Breast-augmented patients who underwent an elective breast implant exchange in Israel between January 2011 and January 2017 were included in the study. Data were collected from electronic and physical medical files. There were 73 breast-augmented female patients with 146 PIP breast implants included in this study. Average implant age was 6.7 ± 2.79 years. Mean implant size was 342.8 ± 52.9 mL. Fourteen women (19 implants [16%]) had a high-grade capsular contracture (Baker grade 3-4). During exchange, 28 implants were found to be ruptured (19.2%). Less than 10 years following breast augmentation, PIP implants demonstrated higher rupture rate compared with other implants. Our data are comparable to overall available rupture rate. Among patients with definitive rupture diagnosis, an elective implant removal should be recommended. In cases of undamaged implants, plastic surgeons should also seriously consider PIP implant explantation. When the patient does not desire to remove the implant, an annual physical examination and breast ultrasound are recommended, beginning a year after augmentation.

  20. Vaporizador artesanal de éter para cirurgia experimental em pequenos roedores

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marcus Vinicius Henriques Brito

    1998-01-01

    Full Text Available O presente trabalho descreve modelo experimental de vaporizador artesanal de éter, modificado a partir do modelo de WAYNFORTH & FLECKNELL, a fim de manter fluxo contínuo e homogêneo do anestésico em cirurgias onde se utiliza roedores de pequeno porte como animais de experimentação. O sistema é construído a partir de material encontrado em casas de materiais para aquários, sonda e tubo de ensaio de uso hospitalar, base de madeira e campânula de vidro confeccionada em vidraçaria. Como vantagens do sistema pode-se citar a manutenção do animal em plano anestésico sem que haja necessidade de contínuas "induções" com algodão embebido em éter e ofertado por via nasal, com perda do excesso para o meio ambiente e inalação do mesmo por quem conduz o experimento. Diminui-se assim quantidade de anestésico total gasto, devido manter-se níveis de oferta mais homogêneas por um fluxo contínuo de acordo com o plano anestésico do animal. Consegue-se também através do consumo aferido no tubo de ensaio, calcular aproximadamente o volume / minuto inalado, consumindo-se em média 5 ml de éter em uma hora de anestesia para ratos com 300g, obtendo com isto economia da substância, melhor controle da quantidade inalada pelo animal e redução da poluição do meio ambiente pelo mesmo.This paper described a homemade ether vaporizer, changed from WAYNFORTH & FLECKNELL model for small animals. The device is build with hospital material and products bought in aquarium’s shops. Their advantages are maintenance of anesthetic level without successive "inductions" by inhalatory nasal ether ; ether consumption of 5 ml per hour in animals with 300 g ; smaller ambient pollution and small cost. The disadvantages are a hardness and reduction of the plastic tubes after approximately 150 hour in use, by ether action and the necessity of experience acquisition in anesthetic manipulation with the device

  1. Ion implantation into diamond

    International Nuclear Information System (INIS)

    Sato, Susumu

    1994-01-01

    The graphitization and the change to amorphous state of diamond surface layer by ion implantation and its characteristics are reported. In the diamond surface, into which more than 10 16 ions/cm 2 was implanted, the diamond crystals are broken, and the structure changes to other carbon structure such as amorphous state or graphite. Accompanying this change of structure, the electric conductivity of the implanted layer shows two discontinuous values due to high resistance and low resistance. This control of structure can be done by the temperature of the base during the ion implantation into diamond. Also it is referred to that by the base temperature during implantation, the mutual change of the structure between amorphous state and graphite can be controlled. The change of the electric resistance and the optical characteristics by the ion implantation into diamond surface, the structural analysis by Raman spectroscopy, and the control of the structure of the implanted layer by the base temperature during implantation are reported. (K.I.)

  2. Sacroiliac joint stability: Finite element analysis of implant number, orientation, and superior implant length.

    Science.gov (United States)

    Lindsey, Derek P; Kiapour, Ali; Yerby, Scott A; Goel, Vijay K

    2018-03-18

    To analyze how various implants placement variables affect sacroiliac (SI) joint range of motion. An experimentally validated finite element model of the lumbar spine and pelvis was used to simulate a fusion of the SI joint using various placement configurations of triangular implants (iFuse Implant System ® ). Placement configurations were varied by changing implant orientation, superior implant length, and number of implants. The range of motion of the SI joint was calculated using a constant moment of 10 N-m with a follower load of 400 N. The changes in motion were compared between the treatment groups to assess how the different variables affected the overall motion of the SI joint. Transarticular placement of 3 implants with superior implants that end in the middle of the sacrum resulted in the greatest reduction in range of motion (flexion/extension = 73%, lateral bending = 42%, axial rotation = 72%). The range of motions of the SI joints were reduced with use of transarticular orientation (9%-18%) when compared with an inline orientation. The use of a superior implant that ended mid-sacrum resulted in median reductions of (8%-14%) when compared with a superior implant that ended in the middle of the ala. Reducing the number of implants, resulted in increased SI joint range of motions for the 1 and 2 implant models of 29%-133% and 2%-39%, respectively, when compared with the 3 implant model. Using a validated finite element model we demonstrated that placement of 3 implants across the SI joint using a transarticular orientation with superior implant reaching the sacral midline resulted in the most stable construct. Additional clinical studies may be required to confirm these results.

  3. Impact of cone-beam computed tomography on implant planning and on prediction of implant size

    Energy Technology Data Exchange (ETDEWEB)

    Pedroso, Ludmila Assuncao de Mello; Silva, Maria Alves Garcia Santos, E-mail: ludmilapedroso@hotmail.com [Universidade Federal de Goias (UFG), Goiania, GO (Brazil). Fac. de Odontologia; Garcia, Robson Rodrigues [Universidade Federal de Goias (UFG), Goiania, GO (Brazil). Fac. de Odontologia. Dept. de Medicina Oral; Leles, Jose Luiz Rodrigues [Universidade Paulista (UNIP), Goiania, GO (Brazil). Fac. de Odontologia. Dept. de Cirurgia; Leles, Claudio Rodrigues [Universidade Federal de Goias (UFG), Goiania, GO (Brazil). Fac. de Odontologia. Dept. de Prevencao e Reabilitacao Oral

    2013-11-15

    The aim was to investigate the impact of cone-beam computed tomography (CBCT) on implant planning and on prediction of final implant size. Consecutive patients referred for implant treatment were submitted to clinical examination, panoramic (PAN) radiography and a CBCT exam. Initial planning of implant length and width was assessed based on clinical and PAN exams, and final planning, on CBCT exam to complement diagnosis. The actual dimensions of the implants placed during surgery were compared with those obtained during initial and final planning, using the McNemmar test (p < 0.05). The final sample comprised 95 implants in 27 patients, distributed over the maxilla and mandible. Agreement in implant length was 50.5% between initial and final planning, and correct prediction of the actual implant length was 40.0% and 69.5%, using PAN and CBCT exams, respectively. Agreement in implant width assessment ranged from 69.5% to 73.7%. A paired comparison of the frequency of changes between initial or final planning and implant placement (McNemmar test) showed greater frequency of changes in initial planning for implant length (p < 0.001), but not for implant width (p = 0.850). The frequency of changes was not influenced by implant location at any stage of implant planning (chi-square test, p > 0.05). It was concluded that CBCT improves the ability of predicting the actual implant length and reduces inaccuracy in surgical dental implant planning. (author)

  4. Metals for bone implants. Part 1. Powder metallurgy and implant rendering.

    Science.gov (United States)

    Andani, Mohsen Taheri; Shayesteh Moghaddam, Narges; Haberland, Christoph; Dean, David; Miller, Michael J; Elahinia, Mohammad

    2014-10-01

    New metal alloys and metal fabrication strategies are likely to benefit future skeletal implant strategies. These metals and fabrication strategies were looked at from the point of view of standard-of-care implants for the mandible. These implants are used as part of the treatment for segmental resection due to oropharyngeal cancer, injury or correction of deformity due to pathology or congenital defect. The focus of this two-part review is the issues associated with the failure of existing mandibular implants that are due to mismatched material properties. Potential directions for future research are also studied. To mitigate these issues, the use of low-stiffness metallic alloys has been highlighted. To this end, the development, processing and biocompatibility of superelastic NiTi as well as resorbable magnesium-based alloys are discussed. Additionally, engineered porosity is reviewed as it can be an effective way of matching the stiffness of an implant with the surrounding tissue. These porosities and the overall geometry of the implant can be optimized for strain transduction and with a tailored stiffness profile. Rendering patient-specific, site-specific, morphology-specific and function-specific implants can now be achieved using these and other metals with bone-like material properties by additive manufacturing. The biocompatibility of implants prepared from superelastic and resorbable alloys is also reviewed. Copyright © 2014 Acta Materialia Inc. Published by Elsevier Ltd. All rights reserved.

  5. Novel implant design improves implant survival in multirooted extraction sites: a preclinical pilot study.

    Science.gov (United States)

    Sivan-Gildor, Adi; Machtei, Eli E; Gabay, Eran; Frankenthal, Shai; Levin, Liran; Suzuki, Marcelo; Coelho, Paulo G; Zigdon-Giladi, Hadar

    2014-10-01

    The primary aim is to evaluate clinical, radiographic, and histologic parameters of novel implants with "three roots" design that were inserted into fresh multirooted extraction sockets. A secondary aim is to compare this new implant to standard root-form dental implants. Immediate implantation of novel or standard design 6 × 6-mm implants was performed bilaterally into multirooted sockets in mandibles of mini-pigs. Twelve weeks later, clinical, radiographic, stability, histomorphometric, and microcomputed tomography (micro-CT) analyses were performed. Survival rates were significantly higher in the test implants compared with control (92.8% versus 33.3%, respectively; P micro-CT analyses demonstrated bone fill in the inner part of the test implants. Moreover, bone-to-implant contact was higher in the test implants (55.50% ± 3.68% versus 42.47% ± 9.89%). Contrary to the clinical, radiographic, and histomorphometric results, resonance frequency analysis measurements were greater in the control group (77.74 ± 3.21 implant stability quotient [ISQ]) compared with the test group (31.09 ± 0.28 ISQ), P = 0.008. The novel design implants resulted in significantly greater survival rate in multirooted extraction sites. Further studies will be required to validate these findings.

  6. Group D. Initiator paper. Implants--peri-implant (hard and soft tissue) interactions in health and disease: the impact of explosion of implant manufacturers.

    Science.gov (United States)

    Ivanovski, Saso

    2015-01-01

    1. The best-documented implants have a threaded solid screw-type design and are manufactured from commercially pure (grade IV) titanium. There is good evidence to support implants ≥ 6 mm in length, and ≥ 3 mm in diameter. 2. Integrity of the seal between the abutment and the implant is important for several reasons, including minimization of mechanical and biological complications and maintaining marginal bone levels. Although the ideal design features of the implant-abutment connection have not been determined, an internal connection, micro-grooves at the implant collar, and horizontal offset of the implant-abutment junction (platform switch) appear to impart favorable properties. 3. Implants with moderately rough implant surfaces provide advantages over machined surfaces in terms of the speed and extent of osseointegration. While the favorable performances of both minimally and moderately rough surfaces are supported by long-term data, moderately rough surfaces provide superior outcomes in compromised sites, such as the posterior maxilla. 4. Although plaque is critical in the progression of peri-implantitis, the disease has a multi-factorial aetiology, and may be influenced by poor integrity of the abutment/implant connection. Iatrogenic factors, such as the introduction of a foreign body. (e.g., cement) below the mucosal margin, can be important contributors. 5. Clinicians should exercise caution when using a particular implant system, ensuring that the implant design is appropriate and supported by scientific evidence. Central to this is access to and participation in quality education on the impact that implant characteristics can have on clinical outcomes. Caution should be exercised in utilizing non-genuine restorative componentry that may lead to a poor implant-abutment fit and subsequent technical and biological complications.

  7. Structure of ion-implanted ceramics

    International Nuclear Information System (INIS)

    Naramoto, Hiroshi

    1983-01-01

    The variation of structure of LiF, MgO, Al 2 O 3 and TiO 2 accompanying annealing after ion implantation is explained. The analysis of structure is usually made by the perturbed gamma ray angular correlation, the internal electron Moessbauer method, or the ion scattering method. The results of analyses are discussed for alkali ion implantation, Fe-ion implantation, In-ion implantation, Au-ion implantation, Pt-ion implantation, Pb-ion implantation and transition metal ion implantation. The coupling of the implanted elements with lattice defects and matrix elements, and the compatibility between deposited elements and matrix crystal lattice were studied. The variation of physical properties due to ion implantation such as phase transition, volume change, the control of single crystal region, and the variation of hardness near surface were investigated, and the examples are presented. (Kato, T.)

  8. New orthopaedic implant management tool for computer-assisted planning, navigation, and simulation: from implant CAD files to a standardized XML-based implant database.

    Science.gov (United States)

    Sagbo, S; Blochaou, F; Langlotz, F; Vangenot, C; Nolte, L-P; Zheng, G

    2005-01-01

    Computer-Assisted Orthopaedic Surgery (CAOS) has made much progress over the last 10 years. Navigation systems have been recognized as important tools that help surgeons, and various such systems have been developed. A disadvantage of these systems is that they use non-standard formalisms and techniques. As a result, there are no standard concepts for implant and tool management or data formats to store information for use in 3D planning and navigation. We addressed these limitations and developed a practical and generic solution that offers benefits for surgeons, implant manufacturers, and CAS application developers. We developed a virtual implant database containing geometrical as well as calibration information for orthopedic implants and instruments, with a focus on trauma. This database has been successfully tested for various applications in the client/server mode. The implant information is not static, however, because manufacturers periodically revise their implants, resulting in the deletion of some implants and the introduction of new ones. Tracking these continuous changes and keeping CAS systems up to date is a tedious task if done manually. This leads to additional costs for system development, and some errors are inevitably generated due to the huge amount of information that has to be processed. To ease management with respect to implant life cycle, we developed a tool to assist end-users (surgeons, hospitals, CAS system providers, and implant manufacturers) in managing their implants. Our system can be used for pre-operative planning and intra-operative navigation, and also for any surgical simulation involving orthopedic implants. Currently, this tool allows addition of new implants, modification of existing ones, deletion of obsolete implants, export of a given implant, and also creation of backups. Our implant management system has been successfully tested in the laboratory with very promising results. It makes it possible to fill the current gap

  9. Erros farmacológicos na prática anestésica: quatro casos de morbidades não fatais Errores de medicación en la práctica de la anestesia: cuatro casos de morbilidad no fatal Drugs errors in anaesthesia practice: four cases of non-fatal morbidity

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Jose LLagunes Herrero

    2010-02-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: Os anestesistas estão se preocupando mais em garantir segurança aos pacientes, enfatizando o desfecho cirúrgico e qualidade do atendimento no centro cirúrgico e em outras áreas do hospital. Na prática, não existe nenhum aspecto da Anestesiologia que seja mais importante no manuseio seguro dos pacientes do que a administração correta de fármacos. Erros farmacológicos representam uma pequena percentagem dos problemas anestésicos, mas apresentam potencial de morbidade grave e consequências legais. O objetivo dest