WorldWideScience

Sample records for alimentar como redutor

  1. A UTILIZAÇÃO DO LÚDICO COMO ESTRTÉGIA DE APRENDIZAGEM DOS CONCEITOS DE CADEIA ALIMENTAR

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Caroline Tavares Firmino

    2017-04-01

    Full Text Available O sexto ano do ensino fundamental têm como parte integrante do plano de ensino da disciplina de Ciências os conteúdos de Ecologia, o qual inclui o estudo das cadeias e teias alimentares. Objetivou-se avaliar a contribuição de uma proposta lúdica na aprendizagem dos conceitos de cadeia alimentar em uma turma do sexto ano do ensino fundamental. Adotou-se como recurso metodológico a utilização de um jogo didático, o qual possui quinze cartas, cada uma com a figura de um ser vivo. Os alunos deveriam utilizar todas as cartas para montar três cadeias alimentares distintas, devendo identificar os níveis tróficos de cada um dos seres representados. Ao término da aula foi aplicado um questionário como forma de avaliar a contribuição do jogo na aprendizagem dos alunos. Observou-se que a maior parte da turma compreendeu de forma significativa os conceitos relacionados às cadeias alimentares, demonstrando assim, a eficiência do jogo como facilitador do processo de ensino aprendizagem.

  2. Uso de alimento vivo como dieta inicial no treinamento alimentar de juvenis de pirarucu.

    OpenAIRE

    CAVERO, B.A.S.; ITUASSÚ, D.R.; PEREIRA-FILHO, M.; ROUBACH, R.; BORDINHON, A.M.; FONSECA, F.A.L. da; ONO, E.A.

    2003-01-01

    O objetivo deste trabalho foi testar a eficiência do alimento vivo como dieta inicial no treinamento alimentar de juvenis de pirarucu, Arapaima gigas. Foram usados dois tratamentos, Artemia sp. e mistura de zooplâncton nativo. O ganho de peso, a porcentagem de comedores e a sobrevivência não apresentaram diferença estatística significativa entre os tratamentos (p>0,05). A dieta inicial, à base de alimento vivo, é eficiente no treinamento alimentar de juvenis de pirarucu.

  3. Uso de alimento vivo como dieta inicial no treinamento alimentar de juvenis de pirarucu

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cavero Bruno Adan Sagratzki

    2003-01-01

    Full Text Available O objetivo deste trabalho foi testar a eficiência do alimento vivo como dieta inicial no treinamento alimentar de juvenis de pirarucu, Arapaima gigas. Foram usados dois tratamentos, Artemia sp. e mistura de zooplâncton nativo. O ganho de peso, a porcentagem de comedores e a sobrevivência não apresentaram diferença estatística significativa entre os tratamentos (p>0,05. A dieta inicial, à base de alimento vivo, é eficiente no treinamento alimentar de juvenis de pirarucu.

  4. Dependência para alimentar-se e consumo alimentar em idosos hospitalizados

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Arethusa Sass

    2012-12-01

    Full Text Available O objetivo do estudo foi verificar a associação entre o consumo alimentar e a dependência para alimentar-se em idosos hospitalizados, os quais foram entrevistados nas primeiras 24hs após internação na clínica médica de um hospital geral. Participaram da pesquisa 75 idosos com idade média de 70,9 anos, sendo 58,7% do sexo masculino e 17,3% com dependência para alimentar-se. Não foi evidenciada associação entre dependência para alimentar-se e o consumo de alimentos energéticos e construtores, mas o foi para o consumo dos alimentos reguladores como o alho e cebola (p=0,00 e o de água (p=0,04. Sugere-se a necessidade de orientação nutricional aos cuidadores, visto que a dependência para alimentar-se se associa ao baixo consumo de água entre idosos.

  5. Efeito da restrição alimentar como redutor do poder poluente dos dejetos de suínos Feed restriction as an alternative to reduce environmental impact of swine waste

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Simara Márcia Marcato

    2005-06-01

    Full Text Available Com o objetivo de avaliar o efeito da restrição alimentar sobre a excreção de minerais nas fezes de suínos, foram utilizados 48 machos castrados com peso inicial de 41,92 ± 0,21kg, distribuídos em delineamento de blocos casualizados, com três tratamentos (T1=alimentação à vontade; T2=95% do consumo diário apresentado por T1; e T3=90% do consumo diário apresentado por T1 e 16 repetições. Os animais permaneceram durante 21 dias em adaptação aos tratamentos em baias coletivas e gaiolas de estudos metabólicos. As coletas de urina e fezes foram realizadas durante dois dias, utilizando-se 20 g de partículas de plástico colorido como marcador fecal. Houve redução de 8,54% no consumo diário de ração dos animais do T3, acarretando em decréscimo em torno de 9,65% excreção de matéria mineral nas fezes, quando comparado com o consumo ad libitum (T1. Todos os macrominerais, com exceção do magnésio, sofreram redução significativa no conteúdo fecal com o aumento da restrição alimentar. Os teores de cálcio e potássio das fezes representaram cerca de 29% da matéria mineral excretada pelas fezes dos animais e foram reduzidos significativamente com o emprego da restrição alimentar. Para todos os microminerais, as relações entre as quantidades excretadas e as quantidades consumidas foram iguais ou superiores a 86,60%, indicando que os animais apresentaram baixa eficiência de retenção desses nutrientes. Concluiu-se que a restrição alimentar de suínos em fase de terminação acarreta redução da quantidade de matéria seca e da maioria dos minerais excretados.With the objective to evaluate the effect of feed restriction on fecal mineral content of finishing swine, forty-eight barrows, with initial weight of 41.92 ± 0.27 kg were assigned to a randomized experimental block design. Treatments were: T1=ad libitum feeding; T2=95% T1 feed intake; and T3 = 90% T1 feed intake and 16 replications. Animals were kept during 21

  6. Transtornos alimentares e padrão circadiano alimentar: uma revisão Eating disorders and circadian eating pattern: a review

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fabiana Bernardi

    2009-12-01

    Full Text Available Este artigo tem como objetivo revisar aspectos relacionados a transtornos alimentares e suas relações com as alterações no ritmo circadiano. Realizou-se uma busca sistematizada das informações nas bases de dados PubMed usando os seguintes descritores: eating disorders, circadian rhythm, night eating syndrome, binge eating disorder e sleep patterns. Os transtornos alimentares, como a síndrome do comer noturno e o transtorno da compulsão alimentar periódica, têm sido considerados e relacionados a um atraso no ritmo circadiano da ingestão alimentar e saciedade prejudicada. Os ritmos circadianos são aqueles que apresentam um período de 24 h, como, por exemplo, o ciclo sono-vigília, temperatura corporal, atividade e comportamento alimentar. Distúrbios provocados pelas alterações nos horários de sono/vigília influenciam o apetite, a saciedade e, consequentemente, a ingestão alimentar, o que parece favorecer o aumento desses transtornos. Percebe-se que o comportamento alimentar pode ser influenciado por ritmos circadianos. Porém, mais estudos e o maior conhecimento sobre a ritmicidade alimentar podem contribuir com o melhor entendimento do comportamento alimentar atual, atuando na prevenção e/ou tratamento de transtornos alimentares.This review aims at reviewing aspects related to eating disorders arising from changes in circadian rhythm. There was a systematic search in PubMed databases, using the following descriptors: eating disorders, circadian rhythm, night eating syndrome, binge eating disorder, and sleep patterns. Eating disorders, such as night eating syndrome and binge eating disorder, have been considered and related to a delay in circadian rhythm in food intake and impaired satiety. Circadian rhythms are those that show a period of 24 h, for example, sleep-wake cycle, body temperature, activity and eating behavior. Disorders related to changes in sleep-wake schedules influence the appetite, satiety and consequently

  7. Novas perspectivas em educação alimentar e nutricional

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Sabrina Ionata de Oliveira

    2008-12-01

    Full Text Available A crescente ênfase na temática de educação alimentar e nutricional, decorrida da estratégia Fome Zero e da Política Nacional de Alimentação e Nutrição, bem como da mudança no perfil de morbi-mortalidade da população, tornou fundamental a reflexão sobre sua configuração enquanto ação governamental. Na estratégia Fome Zero, a educação alimentar e nutricional é prevista como ação estruturante, de tal sorte que a mesma configurou-se institucionalmente no Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDS tendo como perspectiva a promoção da segurança alimentar e nutricional. Dessa forma, a Coordenação responsável pelo desenvolvimento de ações educativas nesse Ministério promoveu duas oportunidades de reflexão: uma interna, que visava estabelecer o marco institucional da educação alimentar e nutricional no MDS, e a outra no Conselho Nacional de Segurança Alimentar, com o objetivo de subsidiar o grupo de trabalho de alimentação adequada e saudável. Dessas discussões surgiram importantes recomendações e estratégias como base para o desenvolvimento de ações educativas em alimentação e nutrição tanto para o governo como para a sociedade civil. Dentre essas recomendações, destacamos a importância de que as ações educativas sejam desenvolvidas no sentido de promover a autonomia dos indivíduos, a interdisciplinaridade e a transdisciplinaridade, respeitando as culturas alimentares e valorizando a história alimentar e a diversidade regional, ao mesmo tempo em que reconheçam os saberes populares e fomentem a biodiversidade local.

  8. Cultura alimentar e suas manifestações na escola

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Anita Seewald

    2016-12-01

    Full Text Available A orientação alimentar, figura na escola como tema transversal e encontra-se centrada na figura do professor. O estudo teve por base a revisão da literatura científica sobre a cultura alimentar e também relata experiências e vivências da própria autora, acadêmica de pedagogia, cozinheira de um Centro de Educação Infantil do município de Sinop. O estudo é descritivo, de cunho qualitativo, utilizando a metodologia observação participante. Como resultados percebe-se a carência de informações sobre a prática de alimentação saudável, que sistematicamente tem contribuído o aumento de doenças, em especial a obesidade, e a necessidade da ação conjunta de outros setores da sociedade. Palavras-chave: cultura alimentar; educação escolar; orientação alimentar.

  9. influência no consumo alimentar de crianças

    OpenAIRE

    Ribeiro, Ana Lúcia Cruz

    2013-01-01

    Trabalho Complementar apresentado à Universidade Fernando Pessoa como parte dos requisitos para obtenção do grau de licenciada em Ciências da Nutrição A perceção de que hábitos alimentares adquiridos na infância e adolescência vão ter reflexos na idade adulta tem vindo a ser analisada ao detalhe pelas indústrias do ramo alimentar, que apostam nestas faixas etárias como grandes nichos de mercado. Para que o grande público tenha conhecimento dos produtos, a forma mais eficaz de os anuncia...

  10. Hábitos alimentares e tabágicos dos estudantes da Universidade Fernando Pessoa

    OpenAIRE

    Guimarães, Inês Rocha Hortega de Eckenroth

    2011-01-01

    Trabalho apresentado à Universidade Fernando Pessoa como parte dos requisitos para a obtenção do grau de Licenciado em Ciências Farmacêuticas. A alimentação tem um papel fundamental na nossa vida. A adopção de hábitos alimentares desequilibrados tem um importante impacto na morbilidade e mortalidade das populações Este trabalho teve como objectivo o estudo dos hábitos alimentares e tabágicos dos estudantes da Universidade Fernando Pessoa. Em seguida, são abordados temas como a alimentaç...

  11. Comportamento alimentar e imagem corporal entre estudantes de medicina

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria Lúcia Magalhães Bosi

    Full Text Available Transtornos do comportamento alimentar (TCA tendem a ocorrer entre mulheres jovens, colocando universitárias como grupo de risco. Este estudo visa identificar comportamentos alimentares e imagem corporal como fatores de risco para TCA em estudantes de Medicina. É um estudo transversal com amostra aleatória representativa,que utilizou o índice de massa corporal (IMC autorreferido; o BodyShapeQuestionnaire (BSQ ; o BulimicInvestigatory Test Edinburgh (Bite ;e o EatingAttitudes Test (EAT-26 . A estatística foi descritiva,com teste do qui-quadrado e Anova,e nível de significância p<0,05. Asmédias(DP de idade e IMC foram20,8 (2,2 anos e 21,5 (2,6 kg/m². As prevalências foram: 27,7% apresentaram distorção da imagem corporal pelo BSQ; 31,7% expressaram comportamento alimentar anormal e 6,3% com risco para bulimia pelo Bite, sendo que 7,9% apresentaram sintomas com gravidade moderada/intensa; 19% tiveram risco de desenvolver distúrbios alimentares pelo EAT-26. Houve associação significativa entre IMC, imagem corporal e risco para TCA. Alunas de Medicina apresentaram risco subclínico ou estágio inicial de TCA e precisam de atenção para que estes distúrbios não prejudiquem sua saúde e prática profissionais.

  12. Quais os suplementos alimentares mais utilizados?

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Alex Bisotto Ferreira

    2016-07-01

    Full Text Available O consumo de suplementos alimentares tem sido muito utilizado e difundido por praticantes de atividade física, em especial a musculação por pessoas com objetivos de melhora em desempenho, redução de gordura corporal, aumento de massa muscular entre outros. Esta pesquisa tem como objetivo revisar sobre quais os suplementos alimentares são utilizados na atualidade, e destacar o mais utilizado. A fonte dos dados é uma pesquisa bibliográfica realizada em média dos últimos 15 anos, foram examinados 232 estudos, sendo selecionados 48. Os suplementos alimentares discutidos nesse artigo foram: Carboidratos, vitaminas e minerais, l-carnitina, creatina, proteínas e aminoácidos. O principal motivo para a utilização de suplementos foi o aumento de massa muscular, predominantemente indicado por professores, instrutores e treinadores, apesar da grande variedade, os suplementos mais utilizados são as proteínas e aminoácidos, e, na maioria dos casos com o intuito de aumentar a massa muscular e melhorar sua recuperação.

  13. Transtornos alimentares: patologia ou estilo de vida?

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Liliane de Jesus Bittencourt

    2013-01-01

    Full Text Available A internet se apresenta como um novo espaço de reconfiguração das relações sociais, por isso jovens com transtornos alimentares vêm utilizando-a como forma de expressão, através das comunidades pró-anorexia e bulimia. Este artigo visa compreender a diferença entre o discurso hegemônico e a crença destas jovens, a partir das teorias antropológicas sobre a influência da cultura na saúde e na doença, da teoria da bioascese e das teorias feministas. Usando a interpretação de sentidos, percebe-se que os transtornos alimentares são considerados estilos de vida, nos quais se busca fugir ao sofrimento através do controle dos corpos e dos desejos. Há uma trama entre controle, poder e dominação, no qual as jovens pleiteiam autonomia e independência, a sociedade define e normatiza seus corpos, e dessa forma, impõem uma dominação, e os profissionais, baseados nos discursos da saúde, intentam ensiná-las como controlá-los, exercendo, de certa forma, um poder sobre o outro.

  14. Consumo alimentar e estilo de vida: um estudo longitudinal com estudantes universitários

    OpenAIRE

    Gabrielle Aparecida Cardoso

    2016-01-01

    A universidade é um local de aprendizagem no qual conhecimento acadêmico, social e cultural permeia a relação entre os estudantes, onde estes terão a oportunidade de vivenciar diferentes situações durante o curso. A maior preocupação é como esta experiência influenciará o estado nutricional com a possível mudança dos hábitos cotidianos, como abuso de bebidas alcoólicas, uso irrestrito de suplementos vitamínicos e alimentares e a alimentação inadequada. O consumo alimentar de universitários fo...

  15. Aspectos das práticas alimentares e da atividade física como determinantes do crescimento do sobrepeso/obesidade no Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cristina Pinheiro Mendonça

    Full Text Available Os dados acerca do sobrepeso/obesidade na população brasileira demonstram um crescimento na sua prevalência entre as décadas de 70 e 90. Os dois aspectos mais apresentados como relacionados a este quadro têm sido mudanças no consumo alimentar, com aumento do fornecimento de energia pela dieta e redução da atividade física, configurando um "estilo de vida ocidental contemporâneo". Este artigo tem por objetivo identificar e avaliar alguns indicadores que se correlacionam com mudanças nas práticas alimentares e de atividade física na população brasileira nos últimos trinta anos. Apesar da carência de dados detalhados, os fatores que podem estar contribuindo para o quadro em tela incluem: migração interna; alimentação fora de casa; crescimento na oferta de refeições rápidas; mudanças no trabalho; meios de deslocamento; e equipamentos domésticos. Faltam informações mais detalhadas sobre as práticas alimentares e o padrão de atividade física no Brasil, em associação a dados antropométricos, para uma melhor explicação dessa relação. Há necessidade de projetos e programas intersetoriais que tenham metas bem definidas e que garantam a adesão da população a um estilo de vida saudável na perspectiva do controle do crescimento da prevalência do sobrepeso/obesidade no país.

  16. Aspectos das práticas alimentares e da atividade física como determinantes do crescimento do sobrepeso/obesidade no Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Mendonça Cristina Pinheiro

    2004-01-01

    Full Text Available Os dados acerca do sobrepeso/obesidade na população brasileira demonstram um crescimento na sua prevalência entre as décadas de 70 e 90. Os dois aspectos mais apresentados como relacionados a este quadro têm sido mudanças no consumo alimentar, com aumento do fornecimento de energia pela dieta e redução da atividade física, configurando um "estilo de vida ocidental contemporâneo". Este artigo tem por objetivo identificar e avaliar alguns indicadores que se correlacionam com mudanças nas práticas alimentares e de atividade física na população brasileira nos últimos trinta anos. Apesar da carência de dados detalhados, os fatores que podem estar contribuindo para o quadro em tela incluem: migração interna; alimentação fora de casa; crescimento na oferta de refeições rápidas; mudanças no trabalho; meios de deslocamento; e equipamentos domésticos. Faltam informações mais detalhadas sobre as práticas alimentares e o padrão de atividade física no Brasil, em associação a dados antropométricos, para uma melhor explicação dessa relação. Há necessidade de projetos e programas intersetoriais que tenham metas bem definidas e que garantam a adesão da população a um estilo de vida saudável na perspectiva do controle do crescimento da prevalência do sobrepeso/obesidade no país.

  17. Vegetarianismo e comportamento alimentar : comportamentos alimentares disfuncionais e hábitos alimentares em dietas vegetarianas

    OpenAIRE

    Rola, Catarina, 1988-

    2016-01-01

    Tese de mestrado, Doenças Metabólicas e Comportamento Alimentar, Universidade de Lisboa, Faculdade de Medicina, 2016 As escolhas alimentares exercem uma influência significativa na génese, manutenção e agravamento do quadro clínico do paciente. Quando corretamente planeadas, as dietas apoiadas no vegetarianismo são nutricionalmente equilibradas. Contudo, dada a legitimidade da restrição alimentar que lhe é característica, a comunidade científica levanta a hipótese de esta mascarar comporta...

  18. A AGRICULTURA FAMILIAR E A CONSTRUÇÃO DA SEGURANÇA ALIMENTAR E NUTRICIONAL:A MULTIFUNCIONALIDADE COMO FATOR DE RESISTÊNCIA À INSEGURANÇA ALIMENTAR

    OpenAIRE

    Gomes Junior, Newton Narciso; Botelho Filho, Flavio Borges

    2008-01-01

    A discussão aqui apresentada, parte da noção de multifuncionalidade na agricultura familiar e argumenta sobre sua relevância na construção de mecanismos de resistência aos processos de fragmentação de práticas e hábitos alimentares em curso na atualidade e que comprometem a segurança alimentar e nutricional na sociedade.---------------------------------------------- In this paper are discussed, from the sphere of multifuncionality of the farm family, the importance of its aspects in the const...

  19. Práticas e comportamento alimentar no meio urbano: um estudo no centro da cidade de São Paulo

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rosa Wanda Diez Garcia

    Full Text Available Este trabalho explora a dimensão da comida no modo de vida urbano, tendo em vista as implicações que este modo de vida tem nos hábitos alimentares e nas representações simbólicas envolvidas. Utilizamos como referencial teórico os conceitos de representação social e de habitus para abordarmos a experiência alimentar. A metodologia utilizada foi a análise qualitativa do discurso de 21 funcionários administrativos e o estudo de observação em estabelecimentos comerciais, como lanchonetes e restaurantes na região central de São Paulo. O estudo do comportamento alimentar foi exposto em dois planos: o dos alimentos e preparações consumidos e o dos desejados. Por sua origem no universo doméstico, os aspectos simbólicos associados à alimentação têm uma forte matriz afetiva. As condições concretas do meio urbano associadas aos limites financeiros do sujeito estabelecem um arcabouço de valores e sentimentos compatíveis com suas possibilidades. A abreviação dos rituais alimentares e suas implicações no comportamento alimentar são abordados bem como as características do atual padrão de alimentação urbano.

  20. ALEITAMENTO MATERNO E AS CRENÇAS ALIMENTARES

    OpenAIRE

    Ichisato,Sueli Mutsumi Tsukuda; Shimo,Antonieta Keiko Kakuda

    2001-01-01

    A hipogalactia tem levado ao desmame precoce. As crenças e os tabus influenciam a alimentação materna durante a lactação. O presente estudo tem como objetivo identificar lactogogos regionais utilizados como suporte do aleitamento materno (AM), pautados nos tabus e crenças. Trata-se de um estudo de caso utilizando a análise de prosa(12). Alimentar-se ou não de certos alimentos, ter vivenciado a amamentação, as crenças transmitidas por familiares e médicos, crescimento e desenvolvimento da cria...

  1. Hábitos alimentares entre funcionários de banco estatal: padrão de consumo alimentar

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fonseca Maria de Jesus Mendes da

    1999-01-01

    Full Text Available Com o objetivo de identificar as condições de saúde dos funcionários de um banco estatal, no Estado do Rio de Janeiro, realizou-se estudo seccional em dois setores do banco, através de amostragem sistemática. Entre as condições de saúde, o perfil dos hábitos alimentares foi investigado mediante questionário de freqüência de consumo de grupos de alimentos, analisado por meio de medida-resumo (escore alimentar. Embora a maior parte da população apresente bons hábitos alimentares, os resultados confirmaram grande diferença entre os sexos: cerca de 60% dos homens apresentaram escores maiores do que a média da população (51,2, comparados a 45% das mulheres. Além disso, foi possível verificar que os homens, principalmente os mais jovens, consomem maior quantidade de alimentos com gordura saturada, sal ou açúcar, quando comparados às mulheres. Os achados indicam que a qualidade da dieta junto a outros hábitos e comportamentos, como tabagismo e sedentarismo, devem fazer parte de programas de promoção da saúde no ambiente de trabalho, visando controlar as doenças cardiovasculares e outros agravos.

  2. Estamos vivendo uma epidemia de alergia alimentar?

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fabiane Pomiecinski

    2017-09-01

    Full Text Available A alergia alimentar é caracterizada por uma reação adversa à ingestão de alimentos, ou aditivos alimentares, mediada por mecanismos imunológicos(1. Os alimentos mais comumente envolvidos nesse processo são: leite de vaca, ovo, trigo, soja, frutos do mar, peixes, amendoim e castanhas. Mas tem ocorrido também por alimentos antes não identificados como causadores de alergias, como kiwi, gergelim, macaxeira (aipim, entre outros(2. Pressupõe-se que as reações alérgicas aos alimentos acometam cerca de 6 a 8% das crianças com menos de 3 anos de idade e 2 a 3% dos adultos, cuja sintomatologia tem se tornado mais grave e mais persistente(2. As crianças representam o segmento mais susceptível a essas manifestações. E, embora não haja dados oficiais sobre a incidência de alergia alimentar no Brasil, estudos observacionais e relatos dos pediatras gastroenterologistas afirmam se tratar de um problema nutricional em ascensão, que vem se tornando um problema de saúde pública em todo o mundo, causando impacto negativo na qualidade de vida da população. Vários motivos podem contribuir para esse aumento, principalmente os fatores genéticos e ambientais. Estima-se que o risco de alguém se tornar alérgico seja 60% definido pela genética e 40% definido pelo ambiente e hábitos de vida(1. Quanto à genética, geralmente o indivíduo com alergia alimentar nasce com uma predisposição para desenvolvê-la. Na presença de atopia familiar, é comum os pais ou irmãos apresentarem rinite, asma, dermatite atópica ou alergia alimentar(3,4. Dentre os fatores ambientais, destacam-se as alterações na microbiota intestinal (uso excessivo de antibióticos, medicamentos inibidores de ácido gástrico, aumento dos nascimentos por cesariana; exposição a alimentos processados, ultraprocessados e transgênicos; baixos índices de aleitamento materno e oferta tardia dos alimentos sólidos às crianças(5. Infere-se, no entanto, que os maiores

  3. Food allergy: system immunologic and main food involved Alergia alimentar: sistema imunológico e principais alimentos envolvidos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Patrícia Beltrão Lessa Constant

    2008-10-01

    Full Text Available Food allergy can be defined as an adverse reaction to a food antigen mediated by fundamentally immunological mechanisms. It is a nutritional problem that has shown an increase in the last decades probably due to the population’s exposure to a higher number of available food allergens. It has become a health problem worldwide being associated to a significant negative impact on life quality. The foods most cited as those which cause food allergy are: milk, eggs, peanuts, nuts, shrimps, fish and soy bean. The main food allergens are protein-nature ones. There must be investment in research in order to reduce the damage caused by foods containing allergens. Biotechnology studies can be considered an efficient and safe alternative. The purpose of this research is to present an updated review on food allergies focusing on its action mechanism in the body, main food involved and alternatives that have been used to minimize this problem. A alergia alimentar pode ser definida como uma reação adversa a um antígeno alimentar mediada por mecanismos fundamentalmente imunológicos. É um problema nutricional que apresentou um crescimento nas ultimas décadas, provavelmente devido à maior exposição da população a um número maior de alérgenos alimentares disponíveis. Ele vem se tornando um problema de saúde em todo o mundo e está associado a um impacto negativo significativo na qualidade de vida. Os alimentos mais citados como causadores de alergias alimentares são: leite, ovos, amendoim, castanhas, camarão, peixe e soja, e os principais alérgenos alimentares identificados são de natureza protéica. É importante que haja investimento em pesquisas no sentido de reduzir os danos causados por alimentos que contém alérgenos. Estudos com a biotecnologia podem apresentar-se como uma alternativa eficiente e segura. Esta pesquisa tem como objetivo apresentar uma revisão atualizada das alergias alimentares, com foco principal no seu mecanismo de

  4. UTILIZAÇÃO DO CORANTE DA BETERRABA COMO ADITIVO ALIMENTAR

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    NíVEA CONFORTI-FROES

    2009-07-01

    Full Text Available

    RESUMO: Dentre os produtos do metabolismo secundário vegetal, os pigmentos ou corantes têm despertado especial interesse, pela sua importância na indústria de alimentos. No caso de oferecerem menos riscos à saúde humana, poderão vir a substituir os corantes sintéticos, principalmente os que são questionados quanto a possíveis reações alérgicas. Desse modo, testaram-se os corantes da beterraba e da batata-doce roxa em células meristemáticas da raízes de Allium cepa, a fim de verificar possíveis alterações no processo de divisão celular. Os resultados obtidos demonstraram citototoxidade induzida pelo corante de beterraba que foi, em seguida, testado em células da medula óssea de Rattus norvergicus. Em todos os parâmetros analisados não se detectaram alterações induzidas por esse corante nos animais tratados quando esses foram comparados aos seus respectivos controles. Em vista dos resultados obtidos, parece viável o uso do corante da beterraba como aditivo alimentar, apesar de não terem sido consideradas as vantagens técnicas e econômicas relativas ao seu emprego. PALAVRAS-CHAVE: Corantes vegetais; antocianinas; betacianinas; genotoxidade.

  5. ALEITAMENTO MATERNO E AS CRENÇAS ALIMENTARES

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Sueli Mutsumi Tsukuda Ichisato

    Full Text Available A hipogalactia tem levado ao desmame precoce. As crenças e os tabus influenciam a alimentação materna durante a lactação. O presente estudo tem como objetivo identificar lactogogos regionais utilizados como suporte do aleitamento materno (AM, pautados nos tabus e crenças. Trata-se de um estudo de caso utilizando a análise de prosa(12. Alimentar-se ou não de certos alimentos, ter vivenciado a amamentação, as crenças transmitidas por familiares e médicos, crescimento e desenvolvimento da criança foram os fatores que estimularam o AM na nossa pesquisa

  6. PERFIL ALIMENTAR E ESTADO NUTRICIONAL DE CRIANÇAS NO PRIMEIRO ANO DE VIDA

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marisa da Silva Corrêa

    2016-11-01

    Full Text Available Resumo – O leite materno é a base alimentar do lactente, devendo ser oferecido de maneira exclusiva nos primeiros seis meses de vida e mantido até os dois anos de idade ou mais. O presente estudo teve como finalidade avaliar o perfil alimentar e estado nutricional de crianças no primeiro ano de vida. Para tal fim, foram captadas crianças de 0 a 12 meses atendidas na Clínica Escola de Nutrição da UFES/Alegre-ES. O perfil alimentar foi avaliado qualitativamente e o estado nutricional através das medidas de peso e comprimento, convertidos nos índices peso/idade, comprimento/idade e Índice de Massa Corporal/Idade. O estudo contemplou 34 lactentes com idade entre 10 dias e 1 ano, sendo 56% do sexo feminino. Verificou-se que 14,7% apresentavam risco de sobrepeso ou sobrepeso, 82,35% dos lactentes consumia leite materno exclusivamente ou com fórmula infantil, 66,6% das mães introduziram alimentos com 6 meses e 10% das crianças já havia consumido refrigerante, biscoito recheado e bolos artificiais no primeiro ano de vida. Faz-se necessária conscientização das mães quanto à introdução alimentar infantil. Palavras-chave: lactente, perfil alimentar, estado nutricional, aleitamento materno, introdução alimentar. Área do Conhecimento: Ciências da Saúde

  7. Conhecimento dos cirurgiões dentistas sobre manifestações orais em pacientes portadores de transtornos alimentares

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Nathalia Luersen Maciel

    2017-08-01

    Full Text Available Os transtornos alimentares podem repercutir nos dentes e nos tecidos bucais. O tratamento destes transtornos demanda de uma abordagem interdisciplinar e o cirurgião-dentista representa um importante papel na equipe multiprofissional. O objetivo deste estudo foi verificar e analisar o conhecimento dos cirurgiões-dentistas a respeito da Anorexia Nervosa e Bulimia Nervosa e suas manifestações orais. A pesquisa, de natureza quantitativa transversal, foi realizada através da aplicação de questionários a 100 cirurgiões-dentistas do Centro de Estudos Odontológicos CEOM, da Escola de Odontologia IMED e da Iodontus Odontologia. Como resultados, 81% dos profissionais entrevistados realizam atividades educativo-preventivas, 94% relataram que possuíam pouco conhecimento a respeito da Anorexia Nervosa e da Bulimia Nervosa, 95% acreditam na importância do diagnóstico de transtornos alimentares e 57% já teve contato “algumas vezes” com pacientes portadores de transtornos alimentares. Segundos os cirurgiões-dentistas, as principais alterações relatadas foram erosão dentária, sensibilidade, úlceras e eritema de palato e gengiva. Conclui-se, dessa forma, que muitas vezes como primeiros profissionais da saúde a diagnosticar estes distúrbios, os cirurgiões-dentistas ainda necessitam obter um maior conhecimento em relação aos transtornos alimentares e suas manifestações orais, a fim de estarem aptos a realizar um correto diagnóstico e ter sucesso no tratamento odontológico dos pacientes portadores de transtornos alimentares.

  8. Risco para transtornos alimentares em escolares de Salvador, Bahia, e a dimensão raça/cor

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Liliane de Jesus Bittencourt

    2013-10-01

    Full Text Available OBJETIVO: Estimar a existência de fatores de risco associados aos transtornos alimentares em escolares da cidade de Salvador, Bahia, por meio da dimensão étnico-racial como fator de heterogeneidade. MÉTODOS: Os participantes da pesquisa são escolares do sexo feminino, na faixa etária entre 15 e 30 anos, residentes na cidade de Salvador, no Estado da Bahia. Foram investigadas 626 estudantes, selecionadas em instituições públicas e privadas de ensino médio e universitário. Utilizaram-se o Eating Atittude Test-26, o Body Shape Questionnaire e o Beck Depression Inventory como instrumentos de identificação de risco para os transtornos alimentares. A classificação étnico-racial se deu por autodeclaração, de acordo com as categorias do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Foram realizadas análises descritivas, bivariadas (χ2 de Pearson e regressão logística multivariada para análise dos dados. RESULTADOS: As estudantes que se identificaram como amarelas ou indígenas têm 3,6 vezes mais chances de desenvolverem comportamentos alimentares desordenados e 4,8 vezes mais possibilidade de estarem insatisfeitas com sua imagem corporal. As pardas apresentam 2,5 vezes mais risco para essa insatisfação. A depressão é uma comorbidade que deve ser considerada, apesar de não estar associada significativamente à raça/cor. CONCLUSÃO: As mulheres não brancas em Salvador apresentam risco de desenvolver transtornos alimentares. Outros estudos que combinam métodos quantitativos e qualitativos podem permitir uma análise mais robusta quanto à relação entre transtornos alimentares e raça/cor e etnia.

  9. Grupo de reeducação alimentar: uma experiência holística em saúde na pespectiva familiar

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Adriana Mafra Brienza

    2002-12-01

    Full Text Available O estudo descreve uma experiência de desenvolvimento de um programa educativo familiar voltado para o tema Reeducação Alimentar. O mesmo se caracteriza por um processo que pode possibilitar à população avaliar a qualidade de vida. Justificam esta iniciativa o envelhecimento da população brasileira onde a obesidade desempenha um papel importante como fator de risco, bem como o despreparo do sistema de saúde e da sociedade. O presente trabalho é realizado em uma micro-área do município de Ribeirão Preto. Acontece na forma de grupos, com duração de 2 meses e participação média de 13 pessoas. Tem como clientela básica mulheres. Através da participação da clientela, são elaborados cardápios alimentares. São oferecidos grupos de manutenção que visam dar continuidade ao processo. Têm-se observado uma procura de aproximadamente 30 inscritos para cada grupo. Um Programa de Reeducação Alimentar contribui para o auto-cuidado e a auto-responsabilidade, apoiando estilos de vida mais saudáveis.

  10. Tratamento nutricional dos transtornos alimentares Nutritional treatment of eating disorders

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Andréa Romero Latterza

    2004-01-01

    Full Text Available Pacientes com transtornos alimentares possuem inadequações profundas no consumo, padrão e comportamento alimentar, além de diversas crenças equivocadas sobre alimentação, o que geralmente acarreta piora do estado nutricional. O tratamento nutricional visa a reverter tais alterações e promover hábitos alimentares saudáveis e melhor relação para com o alimento. Os objetivos e características do tratamento diferem para a anorexia nervosa e a bulimia nervosa, contudo, usualmente, a abordagem é dividida em duas fases: a educacional, cujas principais metas são a regularização do hábito alimentar e o aumento do conhecimento nutricional, e a experimental, que visa a propiciar maior reabilitação nutricional e mudanças mais profundas no comportamento alimentar. As evidências existentes sugerem que o tratamento nutricional promove a melhora de tais parâmetros, porém, alguns comportamentos alimentares, como a sensação de incompetência ao lidar com os alimentos, permanecem. Desta forma, mais estudos são necessários para que se possa de fato avaliar a eficácia da abordagem nutricional.Patients with eating disorders have disturbed food intake, food pattern, food behavior, and mistaken beliefs about food and nutrition, which can worsen nutritional status. The nutritional treatment aims to revert such alterations and to promote better food habits and relationship with food. The objectives and characteristics of the treatment are different for anorexia nervosa and bulimia nervosa, but usually the approach has two phases: the educational phase, whose major goals are regularization of food habits and increase of nutrition knowledge; and the experimental phase, whose targets are better nutritional rehabilitation and more complex improvements of nutritional behavior. Evidence suggests that nutritional treatment can ameliorate such parameters, but some inadequate food behaviors remain, such as feeling of incompetence while dealing with

  11. Habilidades sociais: fator de proteção contra transtornos alimentares em adolescentes

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Laura Giron Uzunian

    2015-11-01

    Full Text Available Resumo O objetivo desse estudo foi revisar a literatura a cerca da relação entre transtornos alimentares e habilidades sociais em adolescentes. Pesquisou-se as bases de dados Medline, SciELO e Lilacs, cruzando os descritores “transtornos alimentares”, “anorexia nervosa”, “bulimia nervosa” e “comportamento alimentar”, com os descritores “psicologia social” e “isolamento social”, e com as palavras chave “competência social”, “habilidade social” e “relação interpessoal”. Incluiu-se estudos com adolescentes, nos idiomas português, inglês e espanhol, e publicações realizadas entre os anos de 2007 a 2012. A busca resultou em 63 artigos, sendo incluídos 50 nesta revisão. A maioria dos estudos foi conduzido no Brasil e nos Estados Unidos. Do total, 43 eram artigos originais. Os estudos visavam compreender como o estado emocional poderia influenciar no estabelecimento dos transtornos alimentares, assim como as relações interpessoais e a relação entre os pares. Os artigos também discutiram a influência da mídia e da sociedade neste processo. A partir da análise dos estudos, observou-se que quanto maior o repertório de habilidades sociais dos adolescentes, maior será o fator de proteção contra o desenvolvimento de transtornos alimentares.

  12. Estado nutricional e hábitos alimentares de dependentes químicos em tratamento ambulatorial

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Isadora Borne Ferreira

    2015-06-01

    Full Text Available Objetivo Identificar o estado nutricional e hábitos alimentares de pacientes masculinos em recuperação de dependência química em acompanhamento ambulatorial de uma unidade de adição. Métodos Estudo transversal com 25 pacientes adultos em tratamento ambulatorial para dependência química. Foram aferidos parâmetros antropométricos (peso, estatura, circunferência da cintura e índice de massa corporal e de composição corporal (bioimpedância elétrica, e foram investigados hábitos alimentares (Questionário de Frequência Alimentar – QFA. As variáveis categóricas são apresentadas como frequências e percentuais e as variáveis contínuas, como média e desvio-padrão ou como mediana e intervalo interquartil. Resultados Observou-se índice de massa corporal médio de 27,73 ± 4,15 kg/m2, com prevalência de sobrepeso de 80% e obesidade de 8%. A média da circunferência da cintura foi de 96,60 ± 9,84 cm e a de percentual de gordura corporal, de 23,24 ± 6,44. A maior parte da amostra estudada [20 (80%] refere realizar quatro ou mais refeições por dia e 72% referiram aumento do consumo alimentar no período de abstinência. A preferência por alimentos específicos no período de abstinência foi relatada por 12 (48% pacientes. Em relação ao consumo de alimentos ultraprocessados, destaca-se o consumo diário de pão francês (68%, pães brancos de forma (16%, sucos artificiais (48%, refrigerantes (32%, queijo amarelo (36%, embutidos com alto teor de gordura (36% e balas e chicletes (32%. Conclusão Os resultados mostram prevalência elevada de sobrepeso e obesidade, além de medida de circunferência da cintura alterada, relato de aumento da ingestão alimentar e consumo diário e semanal elevado de alimentos ultraprocessados.

  13. Aspectos psicobiológicos do comportamento alimentar Psychobiological aspects of feeding behavior

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rosana Passos Beinner Cambraia

    2004-06-01

    Full Text Available Esta revisão aborda alguns aspectos psicobiológicos ligados à manifestação do comportamento alimentar, e tem como objetivo evidenciar a relação entre os principais processos neuropsicológicos e a neurociência nutricional. Algumas estruturas neurais estão associadas ao controle alimentar por mecanismos distintos e correlatos que ocorrem no hipotálamo, hipocampo e em outras áreas como no cerebelo, bulbo olfatório, glândulas pituitária e pineal que exercem funções distintas, porém influênciam o comportamento alimentar, intermediadas geralmente por neurotransmissores comuns. Os precursores dos neuroquímicos apresentam funções específicas, sendo a influência na alimentação relevante no contexto comportamental da escolha de alimentos. Os processos sensoriais na alimentação como paladar, olfato, visão e audição interagem entre si e com outras estruturas e vias neurais, participando também do controle do apetite e da saciedade, que culminam na iniciação e no término da alimentação. A interação entre aspectos neurais no processo de consumo de alimento promove a manifestação do comportamento alimentar específico para cada espécie em seu ambiente.This review shows how some psychobiological aspects are related to feeding behavior manifestation, and has as it objective to provide evidence as to the relation between neuropsychological processes and nutritional neuroscience. Several neural structures are associated with alimentary controls, which are distinct but correlated mechanisms; for example: hypothalamus, hypocampus, cerebellum, olfactory bulb, pituitary and pineal glands, all presenting distinct functions, but affecting feeding behavior directly or indirectly through common neurotransmitters. Neurochemical precursors present specific functions and their influence on feeding is evident in behavioral food selection. The sensory processes in feeding, principally taste, olfaction, vision and hearing, interact with

  14. Insegurança alimentar como indicador de iniqüidade: análise de inquérito populacional Food insecurity as an indicator of inequity: analysis of a population survey

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Giseli Panigassi

    2008-10-01

    Full Text Available O objetivo deste trabalho foi investigar a associação da insegurança alimentar com algumas variáveis indicativas de desigualdades sociais, como renda, escolaridade, raça/cor, composição familiar, características da moradia e condições de saneamento. Para medida de segurança alimentar, aplicou-se o instrumento EBIA (Escala Brasileira de Insegurança Alimentar a uma amostra de 456 famílias residentes em área urbana do Município de Campinas. Verificou-se que a insegurança alimentar concentrou-se em famílias com maior número de membros menores de 18 anos, vivendo em construções precárias e com alta aglomeração de moradores, sem rede de esgoto, de baixa renda (menos de dois salários mínimos, cujo responsável não freqüentou a escola, sem membros com nível universitário e nas quais os informantes referiram ter cor da pele preta. Considera-se que a medida direta de segurança alimentar por meio da EBIA seja um importante indicador para monitoramento da iniqüidade, podendo complementar um conjunto de indicadores sociais ou, mesmo de forma isolada, identificar grupos com vulnerabilidade social.This study aimed to analyze the association between food insecurity and certain socioeconomic and demographic variables that measure social inequality: income, schooling, race, family structure, household characteristics, and sewage conditions. A sample of 456 families in Campinas, São Paulo State, was interviewed using the Brazilian Food Insecurity Scale (EBIA. Family food insecurity was associated with: more children < 18 years; precarious housing; overcrowding; lack of sewage system; low income (< 2 times the minimum wage; head-of-household with no schooling; no university graduate in the family; and race (black. Directly measuring food insecurity is important for monitoring inequality, and can be used either with other socioeconomic and demographic indicators or alone to identify social vulnerability in population groups.

  15. Transtorno alimentar e construção de si no relacionamento profissional-usuário

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Laura Vilela e Souza

    2014-08-01

    Full Text Available O entendimento da Anorexia e Bulimia Nervosa como entidades psicopatológicas legitima algumas versões de si que se impõem aos usuários dos serviços de saúde. O objetivo deste estudo foi compreender de que maneira os diferentes posicionamentos das pessoas diagnosticadas com esses transtornos alimentares constrangem a construção de seus relacionamentos com os cuidadores profissionais. A perspectiva construcionista social fundamentou esta pesquisa. Usuários de um serviço de assistência em transtornos alimentares foram entrevistados individualmente. A análise do material mostrou como o diagnóstico cumpre papel fundamental e, por vezes, único na definição de quem é a pessoa atendida. O conceito do "ser relacional" foi ofertado para que os profissionais de saúde possam pensar a possibilidade de desenharem novos cenários relacionais com o usuário, de modo a incluir a noção de self como movimento, e não estabilidade.

  16. Associação entre consumo alimentar e (insegurança alimentar e nutricional em São José dos Ramos - PB Association between consumption and food (insecurity in food and nutrition of São José dos Ramos - PB

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cleyton Cézar Souto Silva

    2012-05-01

    Full Text Available A prevalência de insegurança alimentar é importante para a avaliação das condições de vida e para o planejamento de políticas públicas de combate à fome. A pesquisa foi realizada com 177 famílias de São José dos Ramos-PB, no ano de 2005, por meio de entrevista. A análise dos dados, por regressão logística e ODDS RATIO, utilizou como variável dependente estar ou não em segurança alimentar, avaliação resultante da aplicação da EBIA; e, como variável independente dicotômica, o consumo de 15 conjuntos de alimentos. O modelo em regressão logística e o odds ratio mostraram associação de leite integral, manteiga, biscoito, bolacha e bolo com a segurança alimentar. Contudo, deve-se levar em consideração o conceito ampliado de Segurança Alimentar e Nutricional, que enfatiza outros fatores relevantes além do consumo alimentar, como a disponibilidade de alimento, que se incorpora às condições de renda e padrão de vida.The prevalence of food insecurity is important for the assessment of the conditions of life and planning of public policies for combating hunger. The survey was conducted with 177 families of São José dos Ramos, in the year 2005, through interview. Data analysis, through logistics regression and ODDS RATIO, used as the dependent variable is in food safety assessment resulting from the application of EBIA, and as a variable dichotomic-independent consumption of 15 sets of food. The regression model Logistics and the odds ration of Association showed whole milk; butter, biscuit, cracker, cake with food safety. However you should take into consideration the expanded concept food and nutritional security that emphasizes other relevant factors beyond the food consumption as food availability, which incorporates income conditions and standard of living.

  17. Proximidade afetiva no relacionamento profissional-paciente no tratamento dos transtornos alimentares

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Laura Vilela e Souza

    2013-09-01

    Full Text Available Poucos espaços são oferecidos para escuta de como pacientes diagnosticados com transtornos alimentares entendem o discurso que preconiza a necessidade de distanciamento afetivo entre profissional e paciente. Buscamos compreender de que modo o pedido dos pacientes por maior proximidade afetiva em relação ao profissional de saúde pode participar da construção do bom relacionamento com médicos, psicólogos e nutricionistas. Pacientes de um serviço de assistência em transtornos alimentares foram entrevistados. A análise do material baseou-se na proposta teórico-metodológica das práticas discursivas e produção de sentidos sustentada pelo discurso construcionista social. Foram destacados os sentidos e discursos e os jogos de posicionamentos implicados nessas produções discursivas. As participantes construíram a proximidade com o profissional como ingrediente fundamental para uma possível superação do transtorno. Os argumentos a favor de um contato mais íntimo com os profissionais e o uso do discurso da neutralidade pelo profissional foram problematizados em seu contexto de produção.

  18. Evolucao dos precos relativos de grupos alimentares entre 1939 e 2010, em Sao Paulo, SP

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Tania Yuka Yuba

    2013-06-01

    Full Text Available OBJETIVO: Analisar a evolução dos preços relativos dos grupos de produtos alimentares e sua influência nas políticas públicas para uma alimentação saudável. MÉTODOS: Foram analisados dados do município de São Paulo de 1939 a 2010, a partir da aplicação de métodos de cálculo de números-índices. Foram utilizados dados do banco de preços e estruturas de ponderação da Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (1939 a 1988 e do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (1989 a 2010. O banco de preços foi organizado, sua consistência foi testada e os preços foram deflacionados pelo Índice de Preços ao Consumidor. Os dados relativos a preços deflacionados foram calculados e agregados por categorias e grupos alimentares da pirâmide alimentar adaptada. Os índices de preços de cada grupo foram construídos aplicando a fórmula de Laspeyres modificada. O índice geral de preços da alimentação foi comparado com índices de cada grupo alimentar e respectiva categoria: alimentos in natura; alimentos industrializados; bebidas; carnes, leguminosas, leite e ovos; cereais e tubérculos; e refeições fora do domicílio. RESULTADOS: Os grupos alimentares de gorduras, óleos, condimentos, açúcares e alimentos processados (alimentos industrializados apresentaram tendência de redução de preços em termos relativos. O índice dos alimentos in natura, como frutas e verduras, apresentaram tendência de elevação de preços. Outros grupos alimentares, como cereais, farinhas e massas, carnes, leite e ovos, apresentaram estabilidade de preços relativos ao longo do tempo. CONCLUSÕES: A evolução dos preços relativos dos alimentos no município de São Paulo mostra tendência desfavorável à manutenção da alimentação saudável em nível domiciliar em longo prazo.

  19. Para Alimentar o Mundo: Modificações Genéticas, (In Segurança Alimentar e os Riscos Para a Saúde Humana e Ambiental

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    J. Flávio Ferreira

    2012-12-01

    Full Text Available Neste trabalho pretende-se tecer breves reflexões acerca da segurança alimentar face à utilização das chamadas “tecnologias transgênicas” que marcaram a Nova Revolução Verde (a 2º R.V. desde a década de 1990. No cerne do debate está uma crítica epistemológica aos paradigmas que projetam na relação do humano com a natureza (aqui destacada pela produção de alimentos ideários de produtividade, dominação e de livre manipulação do meio-ambiente. Os benefícios emergentes de tais práticas nos discursos econômicos e políticos contrastam com os indícios de riscos à saúde humana ancorados em testes científicos: mais do que um movimento humanitário de “combate à fome”, as políticas atuais de segurança alimentar vêm se apresentando como resultado prático de uma leitura [cientificista] da realidade tributária de paradigmas fundamentados em outras formas (protocapitalistas do passado, como o colonialismo/imperialismo. Para entender este fenômeno de forma ampla, uma crítica epistemológica faz-se imperativa.

  20. Intervenção mediacional e hábitos alimentares: um estudo de crianças com síndrome de Down

    OpenAIRE

    Martins, Natália Lourencini Marson

    2015-01-01

    A inadequação acerca de hábitos alimentares tem se constituído como um grave problema na contemporaneidade. Trata-se de um fenômeno multifatorial e de difícil manejo, haja vista as suas diferentes nuances e causas. Uma população especialmente exposta aos malefícios oriundos dos maus hábitos alimentares são os indivíduos com Síndrome de Down, tanto no que diz respeito aos aspectos inerentes à condição do próprio indivíduo, quanto aos desajustes alimentares, tornando-se o control...

  1. HORTA ESCOLAR AGROECOLÓGICA: INCENTIVADORA DA APRENDIZAGEM E DE MUDANÇAS DE HÁBITOS ALIMENTARES NO ENSINO FUNDAMENTAL

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria Jeane Dantas dos Santos

    2014-09-01

    Full Text Available A horta é um laboratório vivo disponível a diferentes atividades didáticas. A sua instalação em ambientes escolares proporciona um conjunto de vantagens à comunidade escolar, como a abordagem de temas relacionados à educação ambiental e educação para a saúde através dos aspectos nutricional e alimentar. Com o objetivo de avaliar a sua ação como instrumento motivador do processo ensino-aprendizagem, de sensibilização socioambiental e de conscientização às mudanças de hábitos alimentares de alunos do Ensino Fundamental II, foi implantada, no ano letivo de 2012, uma horta escolar de base agroecológica na Escola Municipal de Ensino Tertuliano Pereira de Araújo, na zona rural do município de Picuí, PB. As atividades laborais na horta escolar contribuíram à melhoria no processo ensino-aprendizagem em virtude de maior interdisciplinaridade, maior espírito coletivo entre os discentes e recrudescimento de qualidades superiores como a solidariedade. As atividades na horta escolar contribuíram para elevar a conscientização dos alunos sobre os problemas ambientais e permitiu a compreensão do que seja sustentabilidade. Os alunos perceberam a importância do uso das hortaliças como alimento saudável e modificaram o hábito alimentar após conduzirem as atividades na horta escolar e usufruírem das hortaliças na merenda escolar.

  2. Bolsa Família: insegurança alimentar e nutricional de crianças menores de cinco anos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Flávia Monteiro

    2014-05-01

    Full Text Available Estudo transversal descritivo de base populacional realizado no município de Colombo (PR. Os objetivos foram identificar a prevalência de insegurança alimentar das famílias beneficiárias do Programa Bolsa Família e os fatores relacionados a essa condição, bem como descrever o estado nutricional das crianças menores de cinco anos. As análises de associação foram realizadas por meio do teste exato de Fischer. A amostra incluiu 442 famílias, das quais 168 com menores de cinco anos em sua constituição. Para avaliação da insegurança alimentar foi aplicada a Escala Brasileira de Insegurança Alimentar e o estado nutricional das 199 crianças avaliadas foi determinado pelos índices estatura para idade, peso para idade e índice de massa corporal para idade, de acordo com os valores de referência da OMS 2006. A prevalência de insegurança alimentar foi de 81,6%. O excesso de peso e o déficit estatural entre as crianças coexistiram. A insegurança alimentar apresentou-se associada ao índice estatura para idade entre crianças menores de dois anos. A renda familiar per capita e as dívidas alimentares influenciaram significativamente a situação de insegurança alimentar familiar.

  3. A compressão do tempo e a formação de novos hábitos alimentares : reveses e possibilidades

    OpenAIRE

    Magalhães, Elcio de Souza

    2017-01-01

    O aumento da quantidade de brasileiros com excesso de peso está relacionado com as alterações que estão ocorrendo no cotidiano do trabalhador e nos seus hábitos alimentares. Mudanças no mundo do trabalho, na mobilidade e no tempo livre do trabalhador têm estimulado a adoção de novos hábitos alimentares. O objetivo desta dissertação é investigar as relações existentes entre as mudanças que ocorreram nos hábitos alimentares com a compressão do tempo livre do trabalhador, bem como analisar e pro...

  4. Influência dos hábitos alimentares na reinserção social de um grupo de estomizados

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Daniela Gonçalves Silva

    2010-03-01

    Full Text Available forma positiva ou negativa no seu processo de adaptação a essa situação. Este estudo objetivou identificar os hábitos alimentares adotados por estomizados e investigar a influência desses hábitos no controle de suas funções intestinais,assim como, as repercussões no seu convívio social. Trata-se de estudo qualitativo, realizado junto a 25 estomizados vinculados à Associação dos Ostomizados de Goiás, em Goiânia-GO, entre os meses de janeiro e março de 2006. A coleta de dados foi feita por meio de entrevistas gravadas e a análise seguiu o referencial da Análise de Conteúdo.Foram identificadas as seguintes categorias de resultados: Adoção de novos hábitos alimentares: riscos e benefícios à saúde dos estomizados e Hábitos alimentares dos estomizados e suas repercussões no convívio social. Os estomizados destacam como fatores colaborativos para o retorno à sua vida social, a importância de aprender a conviver com o estoma e a regular o hábito intestinal por meio da alimentação. Observou-se que os novos hábitos alimentares adotados pelos estomizados podem provocar repercussões positivas ou negativas em sua saúde, sendo importante que os profissionais de saúde que trabalham com essa clientela estejam atentos a esse aspecto.

  5. Estado e segurança alimentar: alcances e limitações de políticas públicas no Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Hirai, Wanda Griep

    2007-01-01

    Full Text Available Este texto reúne alguns elementos para ampliar a compreensão em relação às recentes discussões sobre a temática da segurança alimentar, que se tornou um desafio mundial desde a Declaração de Roma, em 1996. Procura-se apresentar breves aspectos conceituais e históricos, bem como a construção do conceito que se amplia ao incorporar elementos, além da noção de abastecimento que lhe deu origem. Por fim, apresentam-se alguns dados da última PNAD (2004 sobre segurança alimentar no Brasil, os quais apontam o impacto da insegurança alimentar, cuja expressão mais severa é a fome.

  6. Determination of the influence of the variation of reducing and non-reducing sugars on coffee quality with use of artificial neural network Determinação da influência da variação de açúcar redutor e não redutor na qualidade da bebida do café com utilização de rede neural artificial

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    José A. T. Messias

    2012-04-01

    Full Text Available The present study aimed at evaluating the use of Artificial Neural Network to correlate the values resulting from chemical analyses of samples of coffee with the values of their sensory analyses. The coffee samples used were from the Coffea arabica L., cultivars Acaiá do Cerrado, Topázio, Acaiá 474-19 and Bourbon, collected in the southern region of the state of Minas Gerais. The chemical analyses were carried out for reducing and non-reducing sugars. The quality of the beverage was evaluated by sensory analysis. The Artificial Neural Network method used values from chemical analyses as input variables and values from sensory analysis as output values. The multiple linear regression of sensory analysis values, according to the values from chemical analyses, presented a determination coefficient of 0.3106, while the Artificial Neural Network achieved a level of 80.00% of success in the classification of values from the sensory analysis.Este trabalho teve como objetivo avaliar a utilização de Rede Neural Artificial para correlacionar os valores resultantes de análises químicas de amostras de café com os valores de sua análise sensorial. As amostras de café utilizadas foram referentes ao café Coffea arabica L., cultivar Acaiá do Cerrado, Topázio, Acaiá 474-19 e Bourbon, coletados na região sul de Minas Gerais. As análises químicas foram de açúcar não redutor e açúcar redutor, sendo a qualidade da bebida avaliada pela análise sensorial. O método de Rede Neural Artificial utilizou os valores das análises químicas como variáveis de entrada e os valores da análise sensorial como valores de saída. A regressão linear múltipla dos valores de análise sensorial, em função dos valores das análises químicas, teve coeficiente de determinação de 0,3106, enquanto o método de Rede Neural Artificial empregado obteve um nível de acerto na classificação dos valores da análise sensorial de 80,00%.

  7. O impacto da relação mãe-filha no desenvolvimento da autoestima e nos transtornos alimentares

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Daniela Sopezki

    2008-12-01

    Full Text Available Nesse artigo dois fatores de risco para os transtornos alimentares são analisados, bem como sua inter-relação contribuinte no desenvolvimento e manutenção da anorexia nervosa e da bulimia nervosa, em mulheres: a relação mãe-filha e a autoestima. Entre as necessidades humanas está a de estima, ou seja, a necessidade de autoestima e estima por parte dos outros. As mães tendem a vivenciar suas filhas mulheres como menos separadas delas, devido a componentes narcisistas que prevalecem nesta dupla como identificação e simbiose. No caso das mulheres com transtornos alimentares algo se inverteu no processo de interação entre mãe-filha prejudicando o vínculo entre elas. A formação da adequada autoestima depende profundamente do olhar amoroso de apreciação por uma pessoa significativa, a mãe, porque nunca é com seus próprios olhos que a criança se vê, mas sempre com os olhos do outro. O ver-se numa identificação com esse olhar dirigido para si constitui o narcisismo, a sua própria autoestima e dependendo do tipo de apego existente entre essa dupla, a autoestima da filha terá nuances diferenciadas.   Palavras-chave: transtornos alimentares; vínculo mãe-filha; autoestima.

  8. Sobre o condicionamento alimentar na cochonilha-branca, Planococcus citri (Risso (Hemiptera: pseudococcidae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Lenira Viana Costa Santa-Cecília

    2013-03-01

    Full Text Available Estudos do comportamento alimentar mediante a técnica de "Electrical Penetration Graphs" (EPG das cochonilhas-farinhentas (Pseudococcidae provenientes de um hospedeiro de criação alternativo têm mostrado que esses insetos não atingem ou demoram cerca de 9 horas para alcançar a fase floemática. Por outro lado, aqueles provenientes do hospedeiro-fonte atingem a fase floemática mais rapidamente e apresentam maior frequência de alimentação nos vasos crivados. Esses resultados indicam a presença do fenômeno de condicionamento alimentar, ainda não demonstrado em cochonilhas. Assim, o presente trabalho teve como objetivo determinar a existência desse fenômeno em Planococcus citri (Risso (Hemiptera: Pseudococcidae. Foram realizados testes de livre escolha, monitoramento eletrônico (EPG e estudos de alguns parâmetros biológicos. Em todos os experimentos, o cafeeiro (Coffea arabica L., os citros (Citrus sinensis L. e abóbora (Cucurbita maxima L. foram utilizados como substratos de criação (fonte da cochonilha, sendo os tratamentos constituídos pela combinação entre os hospedeiros-fonte e os hospedeiros receptores (café e citros. O teste de escolha entre cafeeiro e citros nas primeiras 72 horas mostrou que as cochonilhas criadas em cafeeiro apresentaram preferência pelo cafeeiro; aquelas originadas dos citros mostraram uma tendência, embora não significativa, em selecionar os citros em relação ao cafeeiro e aquelas criadas em abóbora não mostraram preferência por nenhum dos hospedeiros. Os estudos do comportamento alimentar mediante o monitoramento eletrônico (EPG mostraram que a fase floemática, considerada como a fase de aceitação do hospedeiro, foi mais frequente em cafeeiro, seja com cochonilhas oriundas deste substrato, seja de citros. Aqueles insetos mantidos em abóbora e transferidos para o cafeeiro ou citros apresentaram excepcionalmente ou não apresentaram nenhuma fase floemática, respectivamente. A

  9. Pirâmide alimentar para crianças de 2 a 3 anos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Philippi Sonia Tucunduva

    2003-01-01

    Full Text Available Com a finalidade de promover orientação nutricional e hábitos alimentares saudáveis para crianças de 2 a 3 anos de idade, fez-se a adaptação da Pirâmide Alimentar. A pirâmide foi baseada em dieta padrão (1300kcal com seis refeições, calculada de acordo com as recomendações para a idade. As porções e os equivalentes foram estabelecidos de acordo com o total de energia de cada alimento utilizando-se o software Virtual Nutri. Foi avaliada a distribuição percentual dos macronutrientes em relação ao valor energético total, obtendo-se 15% para proteínas, 59% para carboidratos e 26% para lipídios. Foram calculados ainda os valores para ferro total e ferro biodisponível. Os alimentos estão organizados em oito grupos: arroz, pão, massa, batata, mandioca (5 porções, verduras e legumes (3 porções, frutas (3 porções, carnes e ovos (2 porções, leite, queijo e iogurte (3 porções, feijões (1 porção, óleos e gorduras (1 porção e açúcares e doces (1 porção. A pirâmide alimentar apresenta-se como um instrumento importante para orientação nutricional, servindo como guia para o planejamento de uma alimentação saudável para crianças de 2 a 3 anos de idade.

  10. Ácidos graxos como marcadores biológicos da ingestão de gorduras

    OpenAIRE

    Vaz,Juliana dos Santos; Deboni,Fabíola; Azevedo,Mirela Jobim de; Gross,Jorge Luiz; Zelmanovitz,Themis

    2006-01-01

    Os ácidos graxos da dieta têm sido associados ao desenvolvimento de doenças crônicas. Os inquéritos alimentares, utilizados em estudos clínicos e epidemiológicos para estimativa da ingestão de nutrientes, apresentam limitações na coleta de informações. Nesse sentido, a utilização da composição de ácidos graxos do plasma e do tecido adiposo como marcadores do tipo de gordura alimentar pode fornecer uma medida mais acurada da ingestão de gorduras. Esta pesquisa tem como objetivo evidenciar aspe...

  11. Segurança Alimentar e Consumo: Rastreabilidade e Certificação de Grãos GM e NON-GM

    OpenAIRE

    Myszczuk, Ana Paula; Pontifícia Universidade Católica do Paraná – PUCPR; Wandscheer, Clarissa Bueno; Pontifícia Universidade Católica do Paraná – PUCPR; Glitz, Frederico; Universidade Federal do Paraná – UFPR

    2010-01-01

    As graves crises alimentares ocorridas na Europa na década de 90 mudaram o cenário mundial referente à produção de alimentos, e, no que diz respeito aos organismos geneticamente modificados, em razão da inexistência de estudos conclusivos a respeito de seus efeitos sobre a saúde humana e ao meio ambiente, exige-se cautela na sua produção, apresentando-se a rastreabilidade e os sistemas de identidade preservada como alternativas para garantir a segurança alimentar do consumidor. O presente art...

  12. HIPERSENSIBILIDADE ALIMENTAR

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    AURELUCE DEMONTE

    2007-01-01

    Full Text Available Uma grande multiplicidade de fatores caracteriza o tópico hipersensibilidade alimentar. Pela análise da literatura compilada fatores nutricionais, imunológicos e estereoquímicos interagem no quadro clínico de reações adversas, que incluem o envolvimento cutâneo (urticária, exantema, gastrointestinal (náuseas, vômitos, diarréia e respiratório (broncoespasmo, rinite. Estudos da capacidade imunogênica de preparações protéicas, química de proteínas e vias de administração para suporte nutricional devem ser incentivados, para que possa haver resoluções clínicas efetivas para alergias alimentares.

  13. Epidemiologia dos transtornos alimentares: estado atual e desenvolvimentos futuros Epidemiology of eating disorders: current status and future developments

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Phillipa J Hay

    2002-12-01

    Full Text Available Os objetivos do presente trabalho foram: fornecer uma avaliação do progresso da epidemiologia na área de transtornos alimentares, desde estudos sobre incidência e prevalência até os estudos comunitários prospectivos, bem como estudos caso-controle; sintetizar o atual estado da incidência e prevalência dos transtornos alimentares; discutir os estudos epidemiológicos analíticos sobre os transtornos alimentares, enfocando estudos comunitários sobre fatores de risco e nosologia; e apontar as áreas de estudos futuros, especialmente sobre a carga social e econômica e o grau de "conhecimento sobre saúde mental" da população em geral a respeito das pessoas com transtornos alimentares. Apesar dos problemas para identificar e recrutar um número suficiente de pessoas com anorexia nervosa e os métodos variáveis de recrutamento de casos, os estudos sobre incidência e prevalência dos transtornos alimentares atingiram um consenso e em geral não corroboram uma incidência ascendente atual, exceto, possivelmente, por um pequeno aumento na anorexia nervosa em mulheres jovens. A aplicação de métodos epidemiológicos analíticos permitiu uma compreensão melhor dos fatores ambientais e genéticos, em comparação com os sociais e econômicos, quanto ao risco de desenvolvimento de transtornos alimentares, bem como ajudaram no refinamento da nosologia desses transtornos. Futuramente, a epidemiologia analítica terá potencial para responder a questões-chave sobre a natureza e os determinantes dos transtornos alimentares e para ajudar a decidir como auxiliar os que mais necessitem.The present paper aims were: to provide an overview of development of epidemiology in the area of eating disorders, from studies of incidence and prevalence, through to community based prospective as well as case controlled studies; to summarise the current status of incidence and prevalence of eating disorders; to discuss analytic epidemiological studies of eating

  14. Código Florestal, função socioambiental da terra e soberania alimentar

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Sérgio Sauer

    Full Text Available O presente artigo tem como objetivo discutir alterações do Código Florestal, especialmente aspropostas de mudanças nas noções de Reserva Legal e Área de Preservação Permanente (APP, em processo de rediscussão no Congresso, após sanção presidencial com vetos no texto aprovado na Câmara em 25 de abril de 2012. Para suprir lacunas da nova Lei, o Executivo Federal editou a Medida Provisória (MP 571/2012, que retoma a discussão da matéria. Tanto dispositivos da nova Lei como alterações propostas ao texto da MP geram insegurança alimentar e visam a eliminar a função socioambiental da terra. A motivação das mudanças não está relacionada à sustentabilidade ambiental ou às mudanças climáticas, temas fundamentais na agenda mundial, mas parte do princípio de que a natureza é um empecilho ao desenvolvimento. Este artigo resgata as principais alterações no Código Florestal relacionadas à Reserva Legal e às APPs, estabelecendo relações (impactos negativos com a função socioambiental da terra e a soberania alimentar.

  15. Implementação de sistema de segurança alimentar numa unidade de restauração

    OpenAIRE

    Moreno, Ana Catarina Cardoso

    2011-01-01

    Não é recente a preocupação do Homem com a alimentação, mas o conceito de segurança alimentar não evoluiu paralelamente, sendo mesmo um conceito que apenas ganhou força há algumas décadas. Também o aparecimento de doenças intrinsecamente ligadas com o que se come, tais como doenças cardiovasculares, obesidade, sedentarismo e a necessidade directa de ligar alimentação com saúde e bem-estar alteraram o conceito de segurança alimentar e obrigaram à sua expansão e demonstração de força que tem na...

  16. Metodologias de identificação de padrões alimentares a posteriori em crianças brasileiras: revisão sistemática

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Carolina Abreu de Carvalho

    2016-01-01

    Full Text Available Resumo O objetivo deste estudo é fornecer orientações para identificação de padrões alimentares por abordagem a posteriori, bem como analisar os aspectos metodológicos dos estudos realizados no Brasil que os identificaram em crianças. Os artigos foram selecionados nas bases de dados da Literatura Latino-Americana e do Caribe em Ciências da Saúde, Scientific pattern; Principal component analysis; Factor analysis; Cluster analysis; Reduced rank regression. Incluíram-se pesquisas que identificaram padrões alimentares de crianças por meio da abordagem a posteriori. Selecionou-se 7 estudos, sendo 6 transversais e 1 de coorte, publicados entre 2007 e 2014. Cinco usaram como inquérito o questionário de frequência alimentar, um o recordatório de 24h e outro uma lista de alimentos. O método de abordagem exploratória mais utilizado nas publicações foi a análise fatorial por componentes principais, seguida da análise de agrupamento. O tamanho amostral dos estudos variou de 232 a 4231, os valores do teste Kaiser-Meyer-Olkin de 0,524 a 0,873, e o alfa de Cronbach de 0,51 a 0,69. Poucos estudos brasileiros identificaram padrões alimentares de crianças utilizando abordagem a posteriori, e a análise fatorial por componentes principais foi a técnica mais usada.

  17. Validade das estimativas de ingestão energética de três métodos de avaliação do consumo alimentar, em relação à água duplamente marcada

    OpenAIRE

    Fernanda Baeza Scagliusi

    2007-01-01

    O gasto energético total (GET) pode ser usado como medida da ingestão energética (IE). Existe um constante sub-relato da IE obtida por métodos de avaliação do consumo alimentar, mas poucos estudos o investigaram em nações em desenvolvimento. Objetivos: a) comparar a validade das estimativas de IE de um questionário de freqüência alimentar, três recordatórios alimentares e um diário alimentar de três dias, segundo a água duplamente marcada; b) determinar a influência da prática de atividade fí...

  18. Prevalência de compulsão alimentar periódica e avaliação do consumo alimentar de indivíduos com excesso de peso

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Bruna Yhang da Costa Silva

    2016-09-01

    Full Text Available Objetivo: Verificar a prevalência de compulsão alimentar periódica e avaliar o consumo alimentar de indivíduos com excesso de peso. Métodos: Trata-se de um estudo observacional, de caráter transversal, realizado com pacientes com IMC igual ou superior a 25Kg/m2, pertencentes à faixa etária de 20 a 59 anos, atendidos nas duas Unidades de Saúde da Família do centro da cidade de Quixeré-CE. A amostra consistiu de 100 pessoas. Foi realizada uma entrevista para triagem da compulsão alimentar periódica. Os participantes responderam a um questionário sobre aspectos socioeconômicos, foram submetidos a uma avaliação antropométrica (peso, altura e a ingestão alimentar foi avaliada com base em dois recordatórios alimentares. Resultados: Entre os entrevistados, 3% foram diagnosticados com CAP grave, 20% com CAP moderada e 77% não tinham Compulsão Alimentar Periódica. Pacientes com graus mais elevados de CAP apresentaram-se com maior excesso ponderal (p=0,03. Os entrevistados com a compulsão moderada e grave, em comparação àqueles sem CAP, mostraram ter um consumo alimentar maior e em desequilíbrio, em se tratando de qualidade de consumo alimentar, para calorias e fibras (p=0,000 e p=0,047, respectivamente. Conclusão: Um terço dos participantes apresentou algum grau de compulsão alimentar, relacionado com alteração de estado nutricional, destacando que os participantes com compulsão alimentar periódica moderada e grave apresentaram um padrão alimentar com mais calorias e menos fibra.

  19. Abuso de drogas e transtornos alimentares entre mulheres: sintomas de um mal-estar de gênero?

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Regina Helena Simões-Barbosa

    Full Text Available Resumo: O artigo discute o abuso de drogas e os transtornos alimentares sob as perspectivas críticas de gênero e do cuidado em saúde. Postula-se que o sofrimento subjetivo pode se expressar no corpo por meio das doenças psicossomáticas. Nessa perspectiva, a insaciável fome consumista das drogas ou de bens supérfluos, bem como o adoecimento pela fome voluntária em busca de um ideal de esbeltez, como na anorexia e bulimia, podem ser sintomas que denunciam o sofrimento feminino. Uma revisão nos campos da saúde coletiva e das teorias feministas destaca a magnitude dos fenômenos da medicalização e mercantilização da saúde presentes na psiquiatrização do mal-estar feminino. Na transição de gênero das sociedades capitalistas, as cobranças sociais pelo desempenho dos velhos e novos papéis femininos acentuam sentimentos de inadequação, traduzidos no mal-estar de gênero que circunda o abuso de drogas e os transtornos alimentares, analisados como patologias de protesto. Propõe-se o resgate do ideário do Programa de Assistência Integral à Saúde da Mulher, orientado pela integralidade, para enfrentar tais desafios.

  20. Produção de ácido lático e dextrana utilizando suco de caju como substrato

    OpenAIRE

    Honorato,Talita Lopes; Rabelo,Maria Cristiane; Pinto,Gustavo Adolfo Saavedra; Rodrigues,Sueli

    2007-01-01

    O presente trabalho teve como objetivo estudar a utilização de excedentes agrícolas como substrato para produção de dextrana e ácido lático. As fermentações foram conduzidas com o microorganismo Leuconostoc mesenteroides B512F, em meio contendo suco de caju e sacarose. As concentrações de açúcar redutor e sacarose foram variadas de acordo com um planejamento experimental. No final da fermentação foram quantificados a dextrana, o ácido lático e a biomassa produzida. Os resultados foram avaliad...

  1. Cuidados alimentares e nutricionais em perturbações do espetro do autismo

    OpenAIRE

    Almeida, Ângela Maria Magalhães

    2015-01-01

    Trabalho Complementar apresentado à Universidade Fernando Pessoa como parte dos requisitos para obtenção do grau de licenciada em Ciências da Nutrição As Perturbações do Espetro do Autismo (PEA) compreendem uma série de distúrbios do desenvolvimento neurológico, sendo que uma adequada intervenção alimentar ou nutricional pode contribuir para minimizar alguns dos comportamentos associados à doença. Com este trabalho, pretendeu-se realizar uma breve revisão da literatura sobre quais os cuida...

  2. O encontro entre o desenvolvimento rural sustentável e a promoção da saúde no Guia Alimentar para a População Brasileira

    OpenAIRE

    Oliveira, Nádia Rosana Fernandes de; Jaime, Patricia Constante

    2016-01-01

    Resumo O Guia Alimentar é documento que aborda os princípios e as recomendações de uma alimentação adequada e saudável para a população brasileira, tendo como propósito apoiar a educação alimentar e nutricional e subsidiar políticas e programas nacionais de alimentação e nutrição no setor de saúde e também em outros setores. O objetivo deste estudo foi identificar a interseção entre a promoção da saúde e o desenvolvimento rural sustentável no Guia Alimentar para a População Brasileira. Realiz...

  3. Impacto do padrão alimentar na composição corporal, taxa metabólica de repouso, ritmo circadiano do cortisol e balanço nitrogenado em mulheres obesas

    OpenAIRE

    Carla Barbosa Nonino

    2004-01-01

    Mudanças no hábito alimentar têm sido descritas como prováveis causas da obesidade. Estudos mostram que o peso depende do balanço energético definido pela relação entre a energia ingerida e o gasto energético. Sugere-se que o padrão alimentar, levando em consideração a freqüência de refeições e sua distribuição durante o dia, possa estar relacionado com a obesidade. Um efetivo programa de perda de peso tem como objetivo a perda do excesso da gordura corporal e a manutenção da massa livre de g...

  4. A soberania alimentar

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Chonchol Jacques

    2005-01-01

    Full Text Available ESTE artigo enfoca os problemas da situação alimentar da humanidade desde a conjuntura dos anos de 1930 até o presente. O autor, historiando o problema da relação entre a agricultura e os fenômenos da subalimentação e da fome, apresenta as possíveis opções para um futuro imediato (2010, polêmica na qual toma partido por uma das hipóteses em voga, não sem antes refletir sobre a situação em diversas latitudes do mundo (África, Oriente Médio... e especificamente em Nossa América, região para a qual adverte que, dadas as mudanças na estrutura do mercado, se está produzindo uma forte tendência à concentração e internacionalização da produção, com o conseqüente desaparecimento da soberania alimentar.

  5. Insatisfação corporal, comprometimento psicológico ao exercício e comportamento alimentar em jovens atletas de esportes estéticos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Leonardo de Sousa Fortes

    2013-08-01

    Full Text Available DOI: http://dx.doi.org/10.5007/1980-0037.2013v15n6p695 Evidências demonstram prevalência elevada para o comportamento alimentar inadequado em atletas. No entanto, pouco se sabe a respeito dos fatores que causam impacto sobre este fenômeno nesta população. O objetivo do estudo foi associar a insatisfação corporal e o grau de comprometimento psicológico ao exercício (GCPE ao comportamento alimentar inadequado em jovens atletas de esportes estéticos. Participaram da pesquisa 47 atletas do sexo feminino de alguns esportes estéticos (ginástica artística, nado sincronizado e saltos ornamentais, com idade entre 12 e 16 anos. Para avaliar o comportamento alimentar de risco para transtornos alimentares (TA, a insatisfação corporal e o GCPE foram utilizados o Eating Attitudes Test (EAT-26, o Body Shape Questionnaire (BSQ e a Commitment Exercise Scale (CES, respectivamente. Dobras cutâneas foram aferidas para o cálculo do percentual de gordura das atletas. Os resultados apontaram associação significativa entre a insatisfação corporal e o comportamento alimentar (p<0,05, assim como entre o GCPE e o comportamento alimentar de risco para TA (p<0,05. A partir da regressão linear múltipla, todas as variáveis, com exceção do percentual de gordura, demonstraram influências sobre o comportamento alimentar de jovens atletas. Este mesmo teste também apontou influências do percentual de gordura e da insatisfação corporal sobre os escores da CES. Concluiu-se que a insatisfação corporal e o GCPE foram fatores predisponentes para o comportamento alimentar de risco em atletas de esportes estéticos.

  6. Insegurança alimentar e indicadores antropométricos, dietéticos e sociais em estudos brasileiros: uma revisão sistemática

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Dayane de Castro Morais

    2014-05-01

    Full Text Available Objetivou-se nesta revisão sistemática relacionar situação de insegurança alimentar, detectada pela Escala Brasileira de Insegurança Alimentar (EBIA, com indicadores antropométricos, dietéticos e sociais. Realizou-se busca em bases eletrônicas (ScieLO, LILACS, MEDLINE, com seleção dos estudos pelos títulos e resumos, e posteriormente por leitura integral. Incluiu-se estudos identificados nas referências bibliográficas. Dos 215 revisados, 15 contemplaram critérios de inclusão (associação entre indicadores antropométricos, dietéticos ou sociais com insegurança alimentar, detectada pela EBIA, sendo que três contemplaram mais de uma variável de interesse. Observou-se relação entre insegurança alimentar e índices estatura/idade e peso/idade em crianças, e para obesidade em mulheres. Menor consumo de alimentos reguladores, construtores e ferro, e maior consumo de carboidratos associou-se à insegurança alimentar. Houve relação entre indicadores sociais, como menor renda e escolaridade, ausência de vínculo empregatício e saneamento básico. A EBIA apresentou associação, em alguns estudos, com indicadores nutricionais e sociais, mas deve ser utilizada conjuntamente com outros instrumentos, visando abranger múltiplas dimensões da segurança alimentar e nutricional.

  7. Efeitos do consumo de aditivos químicos alimentares na saúde humana

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Franciéli Aline Conte

    2016-06-01

    Full Text Available A industrialização de alimentos revolucionou a alimentação influenciada pelo grande crescimento populacional e pela grande urbanização apresentando vantagens em relação à durabilidade, praticidade e preço, mas também desvantagens quando relacionados à saúde. O objetivo deste trabalho é mostrar os efeitos que os aditivos alimentares provocam sobre a saúde humana. Este trabalho é uma revisão bibliográfica de literaturas nacionais e internacionais, em trabalhos de revisão, experimental e em seres humanos tendo como base de dados: Capes, Scielo, MedLine, PubMed, Google Acadêmico, Bireme, além de sites e livros da área de nutrição. Antioxidantes, corantes, conservantes, emulsificantes e outros aditivos alimentares, a medida que permitem maior durabilidade, cor, sabor, maciez, crocância e outras características aos produtos, por outro lado, provocam alergias diversas, principalmente para crianças, são potencialmente cancerígenos; precursores de mal de Parkinson; mal de Alzheimer; além de serem resistentes insulínicos, e hipertensivos. O consumo de alimentos processados/industrializados possui efeitos negativos sobre a saúde, principalmente relacionados à doenças crônicas não transmissíveis como a hipertensão, diabetes mellitus tipo II, cânceres e doenças desmielinizantes.

  8. MAUS HÁBITOS ALIMENTARES DE ESTUDANTES DO ENSINO MÉDIO EM ESCOLAS PÚBLICAS

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fábio Henrique Silva Sales

    2014-08-01

    Full Text Available O presente trabalho objetivou avaliar aspectos da alimentação dos estudantes de escolas públicas e identificar os agentes que contribuem para a gênese e permanência dos maus hábitos alimentares. Participaram da pesquisa 610 estudantes, com idades entre 15 e 19 anos, de ambos os sexos. O estudo do tipo analítico e quantitativo foi realizado por meio da aplicação de um questionário aos alunos de três escolas da rede pública na cidade de São Luís do Maranhão em 2008, que abordou os seguintes pontos: hábitos alimentares, estilo de vida, alimentos oferecidos nas lanchonetes das escolas, patologias manifestadas e participação em palestras sobre nutrição e alimentação oferecidas pelas instituições de ensino. Os dados levantados apresentaram um quadro preocupante sobre a alimentação dos estudantes entrevistados. Observou-se a escassez de palestras e intervenções de cunho educativo sobre alimentação saudável no ambiente escolar. Essa ausência de informação coopera para a continuidade de práticas alimentares inadequadas. Além disso, segundo os alunos as lanchonetes ofertam alimentos ricos em açucares, óleos e gorduras, os chamados fast food, consumidos por eles diariamente. Outra prática comum entre os adolescentes e que também foi relatada pelos entrevistados é a substituição das refeições por esses lanches rápidos, maus hábitos alimentares associados diretamente ao surgimento de patologias,como obesidade e sobrepeso.

  9. Influência do consumo alimentar e uso de suplementos no desempenho de paratletas brasileiros

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Renata Rangel Barboza

    2015-10-01

    Full Text Available RESUMOIntrodução:Atletas de halterofilismo buscam aumentar sua força em relação ao peso corporal utilizando treinamento resistido e a nutrição como ferramentas para melhorar o desempenho. Apesar dos benefícios proporcionados por um adequado planejamento alimentar, muitos atletas utilizam estratégias inadequadas, manifestadas pela piora na composição corporal e no desempenho esportivo.Objetivo:Analisar o consumo energético e proteico e o uso de suplementos alimentares de paratletas a fim de avaliar a influência da estratégia dietética no desempenho.Métodos:Foram coletados dados pessoais, medidas antropométricas, informações referentes ao comportamento alimentar e da competição de 24 paratletas halterofilistas do sexo masculino.Resultados:A quantidade de calorias e as porções de macronutrientes consumidas pela alimentação foram em média 2.235,8 ± 694,92 kcal, 27 ± 11,55% proteínas, 46 ± 8,17% carboidratos e 27 ± 8,57% lipídeos. Dos atletas estudados, 87,5% relataram utilizar suplementos alimentares. Os atletas com maior índice de massa corporal (IMC apresentaram menor ingestão energética e proteica relativa, maior somatório de dobras cutâneas e desempenho similar a dos demais estudados.Conclusão:A estratégia utilizada pelos atletas de maior massa corporal não propiciou melhoria direta no desempenho e influen-ciou negativamente na composição corporal. Este fato deve-se provavelmente à falta de adequação entre dieta e suplementação.

  10. Personalidade e coping em pacientes com transtornos alimentares e obesidade Personality and coping in patients with eating disorders and obesity

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Renata Tomaz

    2009-01-01

    Full Text Available Este estudo avalia o uso diferencial de coping e traço de personalidade em pacientes com transtornos alimentares (anorexia, bulimia e TASOE e com obesidade e em população geral. Participam deste estudo 109 indivíduos (60 com diagnóstico de transtorno alimentar ou obesidade e 49 da população geral. Os instrumentos foram uma escala de traços de personalidade, Coping Response Inventory e Escala de Atitudes Alimentares (EAT. Observou-se diferença significativa nas médias de EAT por população demonstrando boa adequação deste instrumento como screening psicopatológico de transtornos alimentares. Ademais indivíduos que apresentam alto índice em neuroticismo e em descarga emocional, ao enfrentar seus problemas, possuem mais atitudes alimentares inadequadas refletidas pelo EAT (R=0.291, p=0.011. Os dados são discutidos através das teorias relacionadas aos cinco grandes traços da personalidade, coping, transtornos alimentares e obesidade.This study assesses the differential use of coping and personality trait of patients with eating disorders (anorexia, bulimia, and Eating Disorders Not Otherwise Specified - EDNOS, obesity as well as in subjects from the general population. 109 subjects participated in the study (60 with eating disorder or obesity diagnostics; 49 from the general population. The instruments were Personality Trait Scale, Coping Response Inventory and Eating Attitudes Scale (EAS. It was observed significant differences on EAS according to the type of population, demonstrating this instrument's adequacy as psychopathological screening for eating disorders. Moreover, individuals presenting high neuroticism and who discharge their emotion to cope with their problems have more inadequate eating attitudes as shown by EAS (R=0.291, p=0.011. These results are discussed through theories related to the Big Five personality traits, coping, eating disorders and obesity.

  11. Desordens alimentares e perfeccionismo: um estudo com atletas portugueses

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rui Gomes

    2010-12-01

    Full Text Available Este trabalho analisa a relação entre desordens alimentares e tendência para o perfeccionismo no desporto. Participaram no estudo 299 atletas a competirem nas principais divisões de diferentes modalidades. Foi aplicado um protocolo de avaliação com o Questionário de Avaliação das Desordens Alimentares (Fairburn & Beglin, 1994 e a Escala Multidimensional de Perfeccionismo no Desporto (Dunn et alii, 2006. Aplicaram-se procedimentos de análise de variância multivariada (Manovas e análises de regressão hierárquica no tratamento dos dados. Dois resultados devem ser salientados: i atletas mais novos e atletas com maior tendência para as desordens alimentares evidenciaram maior perfeccionismo; ii a dimensão de preocupação com os erros foi a principal variável preditora das desordens alimentares. Concluindo, observou-se uma relação entre a tendência para as desordens alimentares e a orientação para a exigência pessoal e preocupação com os erros por parte dos atletas

  12. Alimento de rua na agenda nacional de segurança alimentar e nutricional: um ensaio para a qualificação sanitária no Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Aída Couto Dinucci Bezerra

    2014-05-01

    Full Text Available O Brasil sediará a Copa do Mundo de 2014. Estamos preparados para oferecer alimentos seguros nas ruas? Este artigo tem como objetivo provocar a reflexão sobre alguns problemas que envolvem a comercialização da comida de rua, contribuindo, assim, para o fortalecimento do tema na agenda nacional de Segurança Alimentar e Nutricional. O objeto de estudo inclui somente o comércio ambulante. Tomando o cuidado de não reduzir seu amplo conceito, destaca-se a importância da segurança higiênico-sanitária como um dos componentes da Segurança Alimentar e Nutricional. Nesta perspectiva, discute-se a confiabilidade dos registros oficiais de surtos relacionados à comida de rua; a higiene dos alimentos de rua em comparação com outros locais de consumo; e a qualificação das pessoas para modificar práticas inadequadas de manipulação de alimentos. Assim, a reflexão envolveu problemas da comercialização, essencial para a melhoria da quantidade e da qualidade da formação das pessoas que manipulam estes alimentos e para a implementação da Segurança Alimentar e Nutricional como promoção do Direito Humano a Alimentação Adequada, tornando urgente a inclusão do tema no calendário nacional de debates da saúde coletiva.

  13. Imagem corporal e transtornos alimentares em atletas adolescentes: uma revisão

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Leonardo de Sousa Fortes

    2013-12-01

    Full Text Available O objetivo do presente estudo foi realizar uma revisão da literatura sobre os temas "Imagem corporal" e "Transtornos alimentares na população de atletas adolescentes". Foram realizadas buscas eletrônicas nas seguintes bases de dados: "Web of Science", "SciELO", "Scopus", "Pubmed", "Medline", e "Lilacs". Como descritores, utilizaram-se os termos "body image" e "eating disorders", indexados no sistema de Descritores em Ciência da Saúde (DeCs/MeSH, e também os termos associados "body dissatisfaction", "athletes", "adolescence" e "teenager". O período compreendido pelas buscas foi de 2002 a 2012. Os resultados evidenciaram a existência de centenas de investigações sobre os temas na população adolescente, mas foram escolhidas somente as pesquisas no contexto esportivo. Os achados demonstraram algumas controvérsias. De qualquer forma, acredita-se que exista associação entre imagem corporal e transtornos alimentares em atletas, porém é necessário desenvolver pesquisas neste campo para responder a tais dúvidas, por isso são incentivadas pesquisas com estas variáveis.

  14. Cirurgia bariátrica e transtornos alimentares: uma revisão integrativa

    OpenAIRE

    Novelle, Julia M.; Alvarenga, Marle S.

    2016-01-01

    RESUMO Objetivo Realizar revisão sobre transtornos alimentares e comportamentos alimentares transtornados relacionados à cirurgia bariátrica. Métodos Revisão integrativa da literatura nas bases de dados PubMed, Lilacs, Bireme, portal SciELO com descritores indexados com critérios de inclusão: oferecer dado sobre a presença ou frequência de transtorno alimentar e/ou comportamentos alimentares disfuncionais previamente e/ou após a cirurgia. Resultados Foram selecionados 150 estudos (14 na...

  15. Botulismo de origem alimentar Foodbourne botulism

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Natacha Deboni Cereser

    2008-02-01

    Full Text Available O botulismo alimentar ocorre pela ingestão de toxinas pré-formadas pelo Clostridium botulinum, consideradas as mais potentes dentre as toxinas conhecidas. Caracteriza-se como uma doença de extrema gravidade, de evolução aguda, provoca distúrbios digestivos e neurológicos, em conseqüência à ingestão de diversos tipos de alimentos. As conservas caseiras estão entre os alimentos que oferecem maior risco à população consumidora. Os produtos de origem animal são frequentemente associados aos surtos da doença, destacando-se os embutidos, tais como salsichas, salames, presuntos e patês. Derivados do leite e enlatados, bem como produtos fermentados, são passíveis de provocar a intoxicação. As outras formas naturais da doença são botulismo por feridas e botulismo infantil, normalmente associado ao consumo de mel contendo esporos do Clostridium botulinum.Foodbourne botulism occurs after ingestion of preformed toxins produced by the Clostridium botulinum, which has been considered one of the most potent known one. The disease, acquired after ingestion of various kinds of foods, has acute character, and provokes gastrointestinal and neurologic symptoms. Homemade canned foods are those that represent higher risk to human health. Processed meat products are frequently associated with botulism outbreaks, mainly sausages, ham and pates. Dairy and canned food, as well as fermented foods, also may be related with this disease. Still, botulism may be caused by toxin production in deep wound, named wound botulism; and after ingestion of honey contaminated with spores by infants, named infant botulism.

  16. Representações sobre consumo alimentar e suas implicações em inquéritos alimentares: estudo qualitativo em sujeitos submetidos à prescrição dietética Representations on food intake and its implications in nutritional investigations: qualitative study with subjects submitted to dietary prescriptions

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rosa Wanda Diez Garcia

    2004-03-01

    Full Text Available OBJETIVO: Apresentar e discutir o caráter flexível que emergiu nos relatos sobre consumo alimentar em estudo qualitativo para avaliar práticas alimentares de pessoas submetidas a tratamento dietético por serem hipertensas e o impacto da preocupação com a saúde nestas. Os relatos de consumo alimentar foram analisados como representações sociais e se discutiu as implicações destas em inquéritos dietéticos. MÉTODOS: Em visita domiciliar foram entrevistados 30 hipertensos, sendo 15 de baixa renda e 15 de classe média. Para obtenção de informações sobre consumo alimentar foram aplicados os métodos recordatório alimentar de 24 horas, associado à história dietética e a um questionário de freqüência alimentar, no contexto de uma entrevista em profundidade semi-estruturada. As entrevistas foram gravadas, transcritas e analisadas em seu conteúdo. RESULTADOS: Situadas entre o discurso e as práticas, as representações expressaram flutuações e contradições sobre o consumo alimentar. Tais representações foram agrupadas em categorias apresentadas como: irregularidade da presença do alimento e das compras; modo de consumo conforme o tipo de alimento; variação do número de comensais; indução das respostas provocada pela busca de informações precisas por parte do entrevistador; falta de memória do entrevistado; imprecisão e contrariedade de relatos sobre consumo alimentar; uso de noções quantitativas cujos valores de referência são particulares ao sujeito e presença de terceiros testemunhando a entrevista. A estratégia metodológica utilizada permitiu observar que há menos precisão nas informações sobre consumo alimentar do que o esperado, por serem estas representações sociais, ou seja, construções mentais da realidade. Os resultados também sugerem que a abordagem da alimentação de sujeitos submetidos à prescrição dietética por meio de inquéritos alimentares pode ser insuficiente para conhecer

  17. Transtornos alimentares e insatisfação com a imagem corporal em bailarinos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Aline Dias Guimarães

    2014-07-01

    Full Text Available INTRODUÇÃO: Os transtornos alimentares (TA tornaram-se um problema relevante de saúde pública. Paralelamente a esse fato, observa-se aumento na frequência de problemas associados à percepção da imagem corporal. Esses transtornos alimentares são mais incidentes em praticantes de esportes que preconizam o baixo peso corporal, como o balé clássico. OBJETIVO: Determinar a prevalência de comportamentos de risco de transtornos alimentares e insatisfação com a imagem corporal em bailarinos adolescentes na cidade de São Luís, MA, Brasil. MÉTODOS: Realizou-se estudo transversal com 30 bailarinos clássicos, não profissionais de ambos os sexos, com idade de 15 a 19 anos. Para avaliação do comportamento de risco de anorexia nervosa, utilizou-se o teste de atitudes alimentares (EAT-26, e para o comportamento de risco de bulimia nervosa, o teste de investigação bulímica de Edimburgo (BITE. A imagem corporal foi avaliada por meio do questionário de imagem corporal (BSQ. RESULTADOS: A prevalência de comportamentos de risco de TA foi de 30,0% para anorexia nervosa, de acordo com o EAT-26 e, segundo a escala de sintomas do BITE, 40,0% apresentaram comportamento de risco de bulimia nervosa. Além disso, o BSQ identificou que 26,7% dos bailarinos estavam insatisfeitos com sua imagem. Analisando o comportamento de risco de TA e a insatisfação com a imagem corporal, por sexo, não houve diferença estatisticamente significante (p > 0,05. CONCLUSÃO: A alta incidência de insatisfação com a imagem corporal associada à grande prevalência de comportamentos de risco de TA encontrada neste estudo ratifica que a prática do balé parece ser um fator primordial para o aumento da suscetibilidade desses bailarinos desenvolverem TA.

  18. Contribuição a determinação estequiometrica de açucares redutores

    OpenAIRE

    Lireny Aparecida Guaraldo Gonçalves

    1988-01-01

    Resumo: Na oxidação de açucares redutores com íons cúpricos, a tabela de Lane - Eynon exibe uma faixa de 4,85 - 5,20 eqs/mol para a glicose e 7,25-7,48 eqs/mol para lactose. Na presença de 1 a 25g de sacarose/100ml de solução, encontramos valores mínimos de 5,0 e 5,7 eqs/mol de glicose. A tabela de Hammond apresenta, a partir de mg de óxido cuproso, 5,21 - 6,20 eqs/mol de glicose e 7,21-7,30 eqs/mol de lactose. Com base na discrepância desses valores obtidos das tabelas atualmente em uso, efe...

  19. Do peixe com farinha à macarronada com frango: uma análise das transformações na rede urbana no Alto Solimões pela perspectiva dos padrões alimentares.

    OpenAIRE

    Schor, Tatiana; Tavares-Pinto, Moisés Augusto; Avelino, Francisco Carlos da Costa; Ribeiro, Marina Lelis

    2015-01-01

    As transformações e permanências nos padrões alimentares são indicativos de mudanças sociais e ambientais complexas. A passagem de uma dieta tradicional, fortemente baseada em produtos coletados, pescados, caçados, plantados ou mesmo adquiridos localmente para uma dieta de supermercado, isto é oriunda da agroindústria é um interessante indicativo do processo de modernização. A análise dessas mudanças permite entender processos diversificados tais como a urbanização. Os hábitos alimentares no ...

  20. Comportamento de restrição alimentar e obesidade Restrained eating behavior and obesity

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fabiana Bernardi

    2005-02-01

    Full Text Available A obesidade é uma doença de alta prevalência no mundo e é responsável por sérias repercussões orgânicas e psicossociais, desde a infância até a vida adulta. O comportamento alimentar tem bases biológicas e sociais e, associado, à obesidade, torna-se um processo ainda mais complexo pelos aspectos psicológicos envolvidos, os quais se expressam por meio de humor depressivo, ansiedade, sentimento de culpa e, também, por mecanismos fisiológicos, como a resistência ao jejum na vigência de dietas restritivas. Há evidências de que, em indivíduos obesos, comportamentos de compulsão alimentar e ou restrição são mais freqüentes e parecem ser, em parte, responsáveis pelos fracassos observados no tratamento da obesidade. As restrições e auto-imposições das pessoas que fazem dieta, parecem ter um efeito rebote, resultando em compulsão alimentar, a qual pode associar-se a conseqüências psicológicas, como a perda da auto-estima, mudanças de humor e distração. As reflexões desta revisão sugerem que os programas para redução de peso corporal devem enfocar as bases do comportamento alimentar e desenvolver, efetivamente, ações interdisciplinares que permitam obter resultados eficazes no tratamento da obesidade.Obesity is a widespread disease in the world, responsible for serious organic and psychosocial repercussions, from infancy to adulthood. Eating behavior has biological as well as social bases. Associated to obesity, it becomes an even more complex process, since it is accompanied by psychological aspects showing symptoms such as depressive moods, anxiety, feelings of guilt, and physiological mechanisms as, for instance, the resistance to fast during restrictive diets. Obese individuals prevalently present behaviors such as binge or restrained eating, both leading to failure in the treatment of obesity. Restrained eating refers to the tendency to restrict food intake consciously, in order to prevent weight gain or to

  1. Uma discussão sobre a contribuição das mulheres na disputa por soberania alimentar = A discussion about the contribution of women in the struggle for food sovereignty

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Gomes Junior, Newton Narciso

    2013-01-01

    Full Text Available Este artigo discute as possíveis contribuições das mulheres na luta pela construção da soberania alimentar. A metodologia consistiu na revisão teórica associando a categoria racionalidade à luta e interesse das mulheres do campo pela alimentação. Como resultado, obteve-se que, não obstante a histórica falta de visibilidade acerca do papel das mulheres na agricultura, sua postura como sujeitos políticos tem permitido afirmar sua identidade e articular seus interesses, inclusive na disputa por soberania alimentar. Partindo desses resultados, acredita-se que a articulação das mulheres pode trazer ganhos ao desestabilizar os papéis tradicionais de gênero no campo e defender seus interesses no âmbito da agricultura familiar

  2. Corantes alimentares presentes em alimentos ultraprocessados consumidos por universitários / Food dyes present in ultra-processed foods consumed by university students

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Dayana Nolasco Gama

    2018-04-01

    Full Text Available Objetivo: Descrever os corantes alimentares presentes nos alimentos ultraprocessados consumidos por 273 graduandos de uma universidade pública do Rio de Janeiro. Métodos: Foi caracterizado o perfil sociodemográfico e de saúde a partir de questionário semiestruturado. Consumo de alimentos ultraprocessados foi obtido através do Questionário de Frequência Alimentar (gelatinas, biscoitos recheados, balas e chicletes, refrigerantes, preparados sólidos para refresco, sucos industrializados, temperos prontos e macarrão instantâneo e os corantes foram identificados nos rótulos dos produtos. Resultados: O consumo de produtos contendo corantes como gelatinas, balas e chicletes, refrigerantes e sucos industrializados foi acima de 80%. Balas e chicletes e temperos prontos tiveram consumo quase diário, sendo 56,9% e 54,1% respectivamente. Conclusão: Identificaram-se quatorze corantes nos rótulos dos produtos industrializados ultraprocessados.  Destacaram-se os corantes artificiais caramelos III e IV, bordeuax S, amarelo crepúsculo e tartrazina, e naturais urucum e carmim. Descritores: Corantes de alimentos, hábitos alimentares, risco.

  3. Insatisfação corporal, prática de dietas e comportamentos de risco para transtornos alimentares em mães residentes em Santos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fernanda Baeza Scagliusi

    2012-01-01

    Full Text Available OBJETIVO: Avaliar a insatisfação corporal, a prática de dietas e os comportamentos de risco para transtornos alimentares em uma amostra de mães residentes no município de Santos. MÉTODOS: Foi realizado um estudo transversal, de base populacional, com 453 mães de filhos com até 10 anos de idade. As mães responderam ao Teste de Atitudes Alimentares (EAT-26, à Escala de Figuras de Stunkard e a uma questão sobre a prática atual de dietas. RESULTADOS: Das mães, 29,9% apresentaram escore positivo para os comportamentos de risco para transtornos alimentares e 21,8% estavam fazendo dieta para emagrecer no momento da entrevista. No tocante à imagem corporal, 17,5% das mães estavam satisfeitas com o seu tamanho corporal, 71,5% gostariam de diminuir seu tamanho corporal e 11,0% gostariam de aumentá-lo. Os comportamentos de risco para transtornos alimentares foram mais frequentes nas mães insatisfeitas com seus tamanhos corporais (p < 0,0001. CONCLUSÃO: A maioria das mães investigadas estava insatisfeita com os seus tamanhos corporais. A frequência de mães que praticavam dietas ou tinham comportamentos de risco para transtornos alimentares foi similar ou superior aos demais estudos nacionais, conduzidos, em sua maioria, com populações consideradas de risco, como meninas adolescentes e jovens universitárias.

  4. Transtornos alimentares na infância e na adolescência Trastornos alimentares en la infancia y adolescencia y factores de riesgo Eating disorders in childhood and adolescence

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Juliana de Abreu Gonçalves

    2013-03-01

    Full Text Available OBJETIVO: Discutir os transtornos alimentares em crianças e adolescentes quanto às suas características e fatores de risco. FONTES DE DADOS: A pesquisa de artigos foi realizada nas bases de dados PubMed e SciELO pela combinação dos termos 'crianças', 'adolescentes', 'comportamento alimentar', 'transtorno alimentar', 'bulimia' e 'anorexia', nos idiomas português e inglês. Foram considerados os artigos publicados entre 2007 e 2011, sendo selecionados 49 que analisaram o desenvolvimento do comportamento alimentar e de seus transtornos, a anorexia e a bulimia nervosa e os transtornos alimentares não especificados. SÍNTESE DOS DADOS: Os transtornos alimentares, em especial os não especificados, mostraram-se comuns na infância e na adolescência. Sua presença foi atribuída principalmente ao ambiente familiar e à exposição aos meios de comunicação. As comorbidades psicológicas muitas vezes acompanhavam o diagnóstico do transtorno. CONCLUSÕES: Dentre os fatores de risco para os transtornos alimentares, destacaram-se a mídia e os ambientes social e familiar. A influência da mídia e do ambiente social foi associada, principalmente, ao culto à magreza. Já no âmbito familiar, o momento das refeições mostrou-se fundamental na determinação do comportamento alimentar e no desenvolvimento de seus transtornos. Os transtornos alimentares se associaram a problemas nutricionais (déficit no crescimento e ganho de peso, à saúde bucal (queilose, erosão dental, periodontites e hipertrofia das glândulas salivares e aos prejuízos sociais.OBJETIVO: Discutir los trastornos alimentares en niños y adolescentes respecto a sus características y factores de riesgo. FUENTES DE DATOS: La investigación de artículos se realizó en las bases de datos PubMed y SciELO por la combinación de los términos "niños", "adolescentes", "comportamiento alimentar", "trastorno alimentar", "bulimia" y "anorexia", en los idiomas portugués e inglés. Se

  5. Adolescentes modelos de passarela: como é o consumo alimentar deste grupo? Adolescent runway models: how is the food intake of this group?

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Alexandra Magna Rodrigues

    2010-12-01

    Full Text Available OBJETIVO: Avaliar a adequação da ingestão de energia, macro e micronutrientes em adolescentes modelos de passarela. MÉTODOS: Estudo transversal de 33 adolescentes modelos e 33 não modelos, de 15 a 18 anos, pareadas por idade e índice de massa corpórea (IMC. A ingestão alimentar foi avaliada por meio de registro alimentar de três dias, sendo calculados os valores médios de energia, em kcal, os valores proporcionais dos macronutrientes em relação ao valor calórico total da dieta consumida, bem como os valores médios/medianos dos seguintes micronutrientes: cálcio, ferro, zinco, fósforo, magnésio, folato, vitamina D, vitamina C, vitamina A e vitamina E. RESULTADOS: Verificou-se que 24% das adolescentes do estudo apresentaram IMC abaixo dos valores mínimos para a idade. A média de ingestão de energia foi menor entre as modelos, em comparação às adolescentes não modelos (1.480,93±582,95 versus 1.973,00±557,63 kcal (p0,05. O consumo inadequado de micronutrientes como o cálcio, ferro, zinco, magnésio, fósforo, vitaminas lipossolúveis, folato e ácido ascórbico ocorreu em ambos os grupos. CONCLUSÕES: A baixa ingestão energética (kcal entre as modelos e a ingestão insuficiente de minerais e vitaminas alertam para que as agências de modelos comprometam-se com a saúde dessas adolescentes, garantindo um acompanhamento médico e nutricional.OBJECTIVE: To evaluate the adequacy of energy, macro and micronutrients intake in adolescent runway models. METHODS: This cross-sectional study enrolled 33 models and 33 non-models, with ages ranging from 15 to 18 years, paired by age and body mass index (BMI. Food intake was evaluated by a three-day food record. The average energy values were estimated in kcal, the proportional values of macronutrients as to the total caloric value of the consumed diet were also calculated, as well as the mean/medium values of the following micronutrients: calcium, iron, zinc, phosphorus, magnesium

  6. Transtorno da compulsão alimentar periódica Binge eating disorder

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Alexandre Pinto de Azevedo

    2004-01-01

    Full Text Available O transtorno da compulsão alimentar periódica (TCAP foi descrito pela primeira vez nos anos 1950. Contudo, sua elevação à categoria diagnóstica apenas ocorreu em 1994, quando foi incluído no apêndice B do DSM IV, com critérios provisórios para seu diagnóstico. Trata-se de uma síndrome caracterizada por episódios recorrentes de compulsão alimentar, sem qualquer comportamento de compensação para evitar um possível ganho de peso. Incertezas quanto a seus parâmetros diagnósticos como caracterização da quantidade de alimentos ingeridos, duração de um episódio de comer compulsivo, ou mesmo o valor da perda de controle sobre a ingestão alimentar, tornam difíceis uma homogeinização de um grupo sindrômico. Desta forma, estudos epidemiológicos podem revelar diferentes dados de caracterização da população portadora deste transtorno. Isto reforça a necessidade da manutenção de estudos para avaliação desta patologia.Binge eating disorder was first described in 1955. However, its upgrade to a diagnostic category only occurred in 1994, when it was included in appendix B of DSM IV, with provisory criteria. It is characterized by recurrent episodes of binge eating, without any compensatory behavior to prevent a possible weight gain. Uncertainties about the diagnostic criteria like the amount of food ingested, the duration or the value of the loss of control during a binge eating episode make its characterization difficult. Then, epidemiological studies may reveal the characterization of this disorder. This means that more studies are needed for an appropriate evaluation of this pathology.

  7. Insegurança alimentar em domicílios brasileiros com crianças menores de cinco anos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ana Paula Poblacion

    2014-05-01

    Full Text Available Este artigo se propõe a estudar o processo de insegurança alimentar e fome em domicílios brasileiros com crianças menores de cinco anos. É um estudo transversal com representatividade nacional executado com dados da Pesquisa Nacional de Demografia e Saúde da Criança e da Mulher (PNDS-2006 tendo como variável dependente a insegurança alimentar moderada e grave (IAM+G, medida através da Escala Brasileira de Insegurança Alimentar (EBIA. Foram geradas estimativas de prevalência e razão de prevalência com intervalos de 95% de confiança. Os resultados apontam para alta prevalência de IAM+G concentrada nas regiões Norte e Nordeste (30,7%, nas classes econômicas D e E (34% e em beneficiários de Programas de Transferência de Renda (PTR; 36,5%. O modelo de análise multivariada constatou que os riscos sociais (beneficiário de PTR, regionais (Norte e Nordeste e econômicos (classes D e E eram de 1,8, 2,0 e 2,4, respectivamente. Agregando-se os três riscos observou-se que 48% dos domicílios encontravam-se em IAM+G, ou seja, crianças e adultos passaram fome nos três meses anteriores ao inquérito.

  8. Modelos esquemáticos para avaliação da qualidade analítica dos dados nacionais de fibra alimentar

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    CARUSO Lúcia

    1999-01-01

    Full Text Available O controle de qualidade de uma análise laboratorial é essencial para garantir a confiabilidade da informação. Os resultados analíticos serão considerados restritos se não houver um programa definido de controle de qualidade analítico. O presente trabalho propõe modelos esquemáticos para a avaliação da qualidade dos dados nacionais de fibra alimentar. A fibra alimentar foi escolhida, como um modelo, com o propósito de se aplicar os critérios do USDA (U.S. Department of Agriculture empregados na avaliação do selênio, cobre e de carotenóides. Esta escolha foi baseada na escassez de informações desse nutriente e pela importância da fibra alimentar na prevenção de doenças crônico-degenerativas. Para a avaliação da qualidade dos dados foram consideradas cinco categorias: número de amostras, plano de amostragem, tomada de amostra, método analítico e controle de qualidade analítica. Estes modelos foram utilizados na avaliação da qualidade das determinações de fibra alimentar de 180 alimentos. O resultado obtido foi de 29% com código A e B (considerável e razoável confiança e 68% com código C (reduzida confiança. Com a determinação da qualidade dos dados, foi possível estabelecer quais os alimentos que constituem prioridades de análise, que são aqueles nos quais ainda não foi determinada a fração fibra alimentar, e aqueles com código de confiança C.

  9. Focused Principal Component Analysis: a graphical method for exploring dietary patterns Análise de Componente Principal Focada: um método gráfico para explorar padrões alimentares

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Raquel Canuto

    2010-11-01

    Full Text Available The aim of the present study was to introduce Focused Principal Component Analysis (FPCA as a novel exploratory method for providing insight into dietary patterns that emerge based on a given characteristic of the sample. To demonstrate the use of FPCA, we used a database of 1,968 adults. Food intake was obtained using a food frequency questionnaire covering 26 food items. The focus variables used for analysis were age, income, and schooling. All analyses were carried out using R software. The graphs generated show evidence of socioeconomic inequities in dietary patterns. Intake of whole-wheat foods, fruit, and vegetables was positively correlated with income and schooling, whereas for refined cereals, animal fats (lard, and white bread this correlation was negative. Age was inversely associated with intake of fast-food and processed foods and directly associated with a pattern that included fruit, green salads, and other vegetables. In an easy and direct fashion, FPCA allowed us to visualize dietary patterns based on a given focus variable.O presente estudo teve objetivo de apresentar a Análise de Componentes Principais Focada (ACPF como um método exploratório para investigar padrões alimentares a partir de características da amostra. Para exemplificar utilizou-se as variáveis idade, renda e escolaridade de um banco de dados de 1.968 adultos. O consumo alimentar foi obtido através questionário de frequência alimentar (QFA com 26 itens alimentares. As análises foram realizadas no programa R. Os gráficos gerados evidenciaram iniquidades socioeconômicas na conformação dos padrões alimentares. Alimentos integrais, frutas e verduras foram diretamente correlacionados com renda e escolaridade, e cereais refinados, gordura animal e pão branco tiveram associação inversa. A idade mostrou-se como associada inversamente a alimentos fast-food e industrializados e, diretamente, a um padrão "saudável" que inclui frutas, salada verde e

  10. ESCOLHAS ALIMENTARES E ESTADO NUTRICIONAL DE ADOLESCENTES EM ESCOLAS DE ENSINO FUNDAMENTAL

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    M. S. ZANCUL

    2008-11-01

    Full Text Available

    Os objetivos deste estudo foram identificar e analisar comparativamente preferências alimentares de alunos dentro das escolas de ensino fundamental no município de Ribeirão Preto (SP, avaliar o estado nutricional dos estudantes, segundo indicadores antropométricos, e discutir o espaço da escola como alternativa para a educação alimentar. Foram analisados, neste estudo, 401 adolescentes cursando de 5ª a 8ª séries de escolas das redes pública e privada. Os dados foram coletados por meio de um questionário adaptado previamente testado. Os estudantes foram também pesados e medidos e o programa Epi Info 2000 foi usado para a organização dos dados. Os resultados demonstram que 70% dos adolescentes compram alimentos na cantina da escola. Dentre os alimentos citados estão: salgados (61,4%, refrigerantes (22,3%, e balas (52,7%. A disciplina Ciências é a mais citada pelos alunos como aquela na qual os conteúdos sobre alimentação foram trabalhados. A classifi cação do estado nutricional dos estudantes, feita pelos percentis de acordo com o IMC para idade e sexo, verifi cou que 12,6% apresentam sobrepeso e 8,5% apresentam obesidade. A escola pode exercer um papel fundamental na promoção da educação nutricional, com objetivo de desenvolver atitudes e hábitos saudáveis. calories and no sugar versions.

  11. AVALIAÇÃO DO RISCO DE DESENVOLVIMENTO DE TRANSTORNOS ALIMENTARES EM ALUNAS DO ENSINO MÉDIO DE ESCOLAS PARTICULARES, ARACAJU - SE

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    MARIA DE FáTIMA MELO SILVEIRA

    2009-09-01

    Full Text Available

    Os transtornos alimentares são quadros psiquiátricos caracterizados por uma grave perturbação do comportamento alimentar, sendo a Anorexia e Bulimia Nervosa os dois tipos principais, os quais afetam principalmente adolescentes femininas e adultas jovens. O objetivo do trabalho foi avaliar o risco de alunas do ensino médio em escolas particulares de Aracaju-SE de desenvolverem transtornos alimentares dos tipos Anorexia e Bulimia Nervosa. Utilizou-se um questionário autopreenchível (com validação primária em 320 alunas, de 14 a 18 anos de idade, que aceitaram responder às questões sobre comportamento alimentar, imagem corporal, entre outras. O risco de desenvolvimento de transtornos alimentares na população avaliada foi evidenciado por determinadas manifestações, como a prática de dietas (39,0%, uso de medicamentos para emagrecer (10,8%, consumo compulsivo excessivo de alimentos (40,7% e eventos bulímicos (7,8%. Tendo em vista que a insatisfação corporal é um dos fatores principais que modulam a gênese dos distúrbios alimentares, o desgosto pelo próprio corpo (40,3%, apresentado pelas alunas analisadas, revelou a possibilidade de desenvolverem Anorexia e Bulimia Nervosa. Os resultados indicam a substancial necessidade de prevenção desses transtornos por meio de folderes e palestras, além da capacitação de profissionais da saúde e professores de ensino médio para a detecção do problema.

  12. Consumo alimentar de mulheres sobreviventes de câncer de mama: análise em dois períodos de tempo

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Helena Alves de Carvalho Sampaio

    2012-10-01

    Full Text Available OBJETIVO: Comparar o consumo alimentar de dois grupos de mulheres portadoras de câncer de mama atendidas em dois períodos distintos: 1999-2004 e 2005-2009. MÉTODOS: Estudo documental, com abordagem descritiva e comparativa. Foram coletados dados de identificação e de ingestão alimentar nas fichas de 154 pacientes portadoras de câncer de mama atendidas em serviços de referência de Fortaleza (CE: 66 no período de 1999-2004 e 88 no de 2005-2009. Foram considerados como integrantes do hábito os alimentos consumidos pelo menos quinzenalmente por, no mínimo, 50% das pessoas. Calculou-se a prevalência de consumo de alimentos, sendo os padrões dos dois períodos comparados pela aplicação dos testes Quiquadrado ou exato de Fisher, e adotouse p<0,05 como nível de significância. RESULTADOS: Os hábitos alimentares dos dois grupos foram semelhantes, exceto quanto ao maior consumo de leite e de cenoura e menor consumo de manga e caju, além de uma tendência ao aumento no consumo de óleo de soja, observada no grupo atendido mais recentemente. O aumento de leite e de cenoura pode configurar proteção contra a recidiva da doença, mas a redução do consumo das frutas citadas pode significar maior risco: aliás, foram baixas as prevalências de consumo de frutas e hortaliças pelos dois grupos de mulheres. CONCLUSÃO: Os achados apontam para uma lacuna na abordagem educativa das pacientes tanto no passado como na atualidade, o que comprova a necessidade de incentivar maior consumo e variedade de hortaliças e frutas e menor consumo de cereais refinados, gorduras, açúcar e refrigerantes.

  13. Deterrência alimentar em Ascia monuste orseis Godart (Lepidoptera: Pieridae induzida por soluções homeopáticas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Nilbe Carla Mapeli

    2015-04-01

    Full Text Available A couve, Brassica oleracea var. acephala, destaca-se entre as plantas hortícolas como sendo frequentemente atacada por pragas, dentre as quais o curuquerê da couve, Ascia monuste orseis (Godart, 1819 (Lepidoptera: Pieridae. O controle desse inseto tem sido feito com inseticidas. Na agricultura orgânica, o uso dos referidos produtos é proibido e já existem alguns casos em que agricultores estão substituindo-o, por outras alternativas menos danosas ao meio ambiente, como as soluções homeopáticas, substâncias apontadas como ferramentas para Agroecologia. Este trabalho teve por objetivo verificar se soluções homeopáticas proporcionam mecanismos de antibiose, como deterrência alimentar, em Ascia monuste orseis, em couve 'manteiga cv. Santo Antônio' e se podem ser utilizadas no controle de pragas. As soluções testadas foram: - Sulphur 12CH; Phosphorus 5CH; Magnesia carbonica 30CH; Ruta 5CH. A testemunha foi água destilada + álcool de cereais 70% 5CH. Para o preparo de cada solução, foram retirados 0,2 ml de cada preparado homeopático, adicionados a 200 ml de água destilada pulverizados nas folhas e nos solo dos vasos. As características analisadas foram peso de lagartas no início e no final do 4° instar; peso seco de pupa (biomassa incorporada, comprimento de lagarta no 4° instar, duração do ciclo ovo-adulto, percentagem de emergência de adultos, comprimento alar, fecundidade das fêmeas e valor nutritivo das couves tratadas. Sulphur 12CH pode ser recomendado como método alternativo eficiente no controle de A. monuste orseis. Todas as soluções homeopáticas, com exceção do Phosphorus 5CH, promoveram deterrência alimentar, mecanismo de antibiose, interferindo no ciclo biológico de A. monuste orseis.

  14. Padrões alimentares e fatores associados entre crianças de um a seis anos de um município do Sul do Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rosangela de Leon Veleda de Souza

    2013-12-01

    Full Text Available O estudo teve como objetivos descrever padrões alimentares e investigar a associação com fatores demográficos e socioeconômicos entre crianças de um a seis anos na cidade de Pelotas, Rio Grande do Sul, Brasil. Foi utilizada a correlação de Pearson para agrupar os alimentos. Os padrões alimentares foram construídos por meio da análise de componentes principais. As associações foram verificadas usando-se o teste de KruskalWallis (α = 0,05. Foram avaliadas 667 crianças. Identificou-se cinco padrões alimentares: "vegetais", "tradicional" (pão, margarina/margarina, arroz/massa, café, açúcar, "guloseimas e embutidos", "lanches" (laticínios, achocolatados, biscoitos e sucos e "frutas". Os padrões "vegetais" e "frutas"tiveram maior adesão entre as crianças cujas mães tinham maior escolaridade e renda familiar. O padrão "tradicional" foi o mais observado entre crianças cujas mães tinham menor escolaridade e renda familiar. Os padrões "vegetais" e "tradicional" apresentaram o maior percentual de variância. As condições socioeconômicas das famílias exercem um papel fundamental na determinação do padrão alimentar das crianças.

  15. Relação entre a linfopenia e a persistência da papilomatose alimentar em bovinos intoxicados crônica e espontaneamente por samambaia (Pteridium aquilinum

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Eduardo K Masuda

    2011-05-01

    Full Text Available Papilomavírus bovino tipo 4 (BPV-4 é responsável pelo desenvolvimento de papilomas no trato alimentar superior (TAS de bovinos. Os passos necessários para o crescimento, o desenvolvimento e a regressão dos papilomas estão intimamente relacionados com o estado imunológico do animal. A ingestão de samambaia (Pteridium aquilinum tem sido relacionada como o principal fator envolvido na persistência da infecção pelo BPV-4 no TAS. A teoria que estabelece a relação entre papilomatose alimentar e a formação de CCEs sugere a produção de um estado imunossupressivo crônico pela planta, permitindo a persistência dos papilomas no TAS. Os papilomas serviriam então como sítios de desenvolvimento dos CCEs através da interação entre as proteínas do BPV-4 e os carcinógenos da samambaia. O objetivo deste estudo foi avaliar a relação entre a quantidade de linfócitos circulantes e a papilomatose alimentar em casos de intoxicação espontânea crônica por P. aquilinum em bovinos com CCE no TAS. Quarenta bovinos com CCEs no TAS foram avaliados quanto à idade, à intensidade da papilomatose alimentar no TAS e ao leucograma. Três bovinos tinham leucopenia e um apresentava neutrofilia. A média de linfócitos foi de 5.395 (±1.696 na papilomatose leve, 4.560 (±1.561 na moderada e 5.007 (±1.786 na acentuada. Não houve diferença estatisticamente significativa entre o grau de papilomatose, a idade e a quantidade de linfócitos circulantes. Imunossupressão por linfopenia foi um achado esporádico (três casos neste estudo. Os resultados indicam que a persistência da papilomatose alimentar em casos espontâneos de intoxicação crônica por samambaia em bovinos não tem relação com a quantidade de linfócitos circulantes e que talvez esteja relacionada a outros fatores imunológicos.

  16. Consumo alimentar e estresse em pacientes com síndrome coronariana aguda

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Evelise Helena Fadini Reis Brunori

    2015-10-01

    Full Text Available RESUMOObjetivo:Avaliar se o consumo alimentar de pacientes com síndrome coronariana aguda (SCA segue as recomendações nacionais e internacionais e se existe relação com níveis de estresseMétodo:Estudo transversal com 150 pacientes com SCA que foram entrevistados utilizando-se os Questionários de Frequência Alimentar e Escala de Estresse Percebido-10.Resultados:Consumo diário acima das recomendações: colesterol (92%, fi bras (42,7% e proteínas (68%; consumo abaixo das recomendações: potássio (88% e carboidratos (68,7%; consumo conforme recomendações: sódio (53,3% e lípides (53,3%. A maioria (54% com consumo alimentar inadequado era estressada ou altamente estressada. Houve associação estatisticamente signifi cante entre menor nível de estresse e maior consumo de fibras.Conclusão:Em pacientes com SCA, o consumo alimentar esteve fora do recomendado pelas diretrizes e o menor consumo de fibras ocorre concomitantemente com maior estresse. Esforços educativos podem instrumentalizar os pacientes na adequação do consumo alimentar e no controle do estresse.

  17. Alimenta??o e rede urbana na Amaz?nia brasileira: um estudo das transforma??es e perman?ncias nos h?bitos alimentares de idosas nas cidades de Tef?, Alvar?es e Uarini, Amazonas.

    OpenAIRE

    Costa, Ellen Anjos Camilo da

    2014-01-01

    A Amaz?nia ?, sem d?vida, uma ?rea de interesse para o estudo das diferen?as no acesso aos alimentos e, com o r?pido processo de moderniza??o via redes de comunica??o e com?rcio, impacta nos h?bitos alimentares, em especial nas pequenas e m?dias cidades. O principal objetivo desta disserta??o foi analisar na popula??o idosa (feminina) de tr?s cidades do Amazonas, Tef?, Alvar?es e Uarini, as transforma??es e perman?ncias dos h?bitos alimentares. Tem-se como hip?tese de an?lise que o formato da...

  18. Padrões alimentares de adolescentes na cidade de São Paulo

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Aline Giacomelli Salvatti

    2011-10-01

    Full Text Available OBJETIVO: Identificar os padrões alimentares de adolescentes eutróficos e com excesso de peso. MÉTODOS: Estudo transversal envolvendo 239 adolescentes de ambos os sexos, na faixa etária de 14 a 19 anos, alunos de uma escola pública da cidade de São Paulo, Brasil. Foram coletados dados antropométricos e registro alimentar de 4 dias. O estado nutricional foi avaliado pelo índice de massa corporal de acordo com os critérios de Must et al., e foi aplicada análise fatorial para a identificação dos padrões alimentares. RESULTADOS: Foram identificados quatro padrões alimentares: tradicional, urbano, saudável e junk food. O estado nutricional de eutrofia teve associação positiva com os padrões tradicional e urbano, o sobrepeso com os padrões saudável e junk food, e a obesidade associou-se negativamente com os padrões urbano, saudável e junk food. CONCLUSÃO: O padrão saudável foi encontrado entre os adolescentes com sobrepeso, evidenciando preocupação com o controle do peso e tentativa de mudança do hábito alimentar. Entre os obesos, a ocorrência do sub-relato provavelmente tenha influenciado o resultado das associações.

  19. o preço e a qualidade como critérios de avaliação

    OpenAIRE

    Cabral, José Alexandre Pereira

    2009-01-01

    Dissertação de Mestrado apresentada à Universidade Fernando Pessoa como parte dos requisitos para obtenção do grau de Mestre em Ciências da Comunicação, especialização em Marketing e Publicidade. A proliferação dos super e hipermercados como espaços de comércio de produtos alimentares tem contribuído consideravelmente para o desenvolvimento das marcas do distribuidor, designadas usualmente pelo consumidor como “marcas brancas”. Neste contexto, este trabalho de investigação pretende conhece...

  20. Mediações e midiatização do consumo alimentar: #taeq e tendência da saudabilidade na rede

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Lívia Silva de Souza

    2018-01-01

    Full Text Available Na perspectiva das tendências do consumo alimentar conforme Madi et al (2010, observamos os modos como as cinco tendências globais da alimentação (sensorialidade, saudabilidade, sustentabilidade, praticidade e confiabilidade comportam-se na circulação midiática nas redes. Aqui apresentamos os resultados quanto à tendência da saudabilidade, a partir da observação das interações em torno da marca Taeq, por meio da hashtag #taeq na rede social Instagram.

  1. Familiares de pessoas diagnosticadas com transtornos alimentares: participação em atendimento grupal

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Laura Vilela e Souza

    Full Text Available O discurso biomédico com foco no diagnóstico frequentemente tem sido utilizado como recurso exclusivo para informar a assistência aos familiares de pessoas diagnosticadas com anorexia nervosa e bulimia nervosa. Este estudo buscou compreender como essas famílias constroem justificativas para participação em um grupo de apoio no contexto de tratamento dos transtornos alimentares. Uma sessão desse grupo, que abordava a temática de nosso interesse, foi analisada com apoio do discurso construcionista social. A análise empreendida destacou os sentidos coproduzidos sobre a ausência de alguns familiares no grupo, a diminuição de frequência de participação dos pais, a função desse grupo no tratamento, a periodicidade ideal de participação da família e a possibilidade de familiares e coordenadores do grupo coconstruírem o espaço conversacional.

  2. Implementação da NP EN ISO 22000:2005 - Sistemas de Gestão da Segurança Alimentar numa indústria de transformação de produtos cárneos

    OpenAIRE

    Mota, Fátima Sofia Carriça da

    2017-01-01

    Resumo A realização deste trabalho resultou do estágio curricular do Mestrado em Engenharia Alimentar, da Escola Superior Agrária de Coimbra. Este decorreu entre os dias de 6 de Fevereiro a 6 de Agosto de 2017, na empresa Incarpo, SA. O trabalho desenvolvido teve como objectivo principal, a avaliação do sistema de segurança alimentar existente na secção de cozidos e fumados, de uma indústria de abate e transformação de carne de suíno, com o pressuposto de verificar a...

  3. Transtornos alimentares: patologia ou estilo de vida? Eating disorders: disease or life style?

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Liliane de Jesus Bittencourt

    2013-01-01

    Full Text Available A internet se apresenta como um novo espaço de reconfiguração das relações sociais, por isso jovens com transtornos alimentares vêm utilizando-a como forma de expressão, através das comunidades pró-anorexia e bulimia. Este artigo visa compreender a diferença entre o discurso hegemônico e a crença destas jovens, a partir das teorias antropológicas sobre a influência da cultura na saúde e na doença, da teoria da bioascese e das teorias feministas. Usando a interpretação de sentidos, percebe-se que os transtornos alimentares são considerados estilos de vida, nos quais se busca fugir ao sofrimento através do controle dos corpos e dos desejos. Há uma trama entre controle, poder e dominação, no qual as jovens pleiteiam autonomia e independência, a sociedade define e normatiza seus corpos, e dessa forma, impõem uma dominação, e os profissionais, baseados nos discursos da saúde, intentam ensiná-las como controlá-los, exercendo, de certa forma, um poder sobre o outro.The internet is a new space of reconfiguration of the social relationship therefore young people with eating disorders have been using the net as a way of expressing themselves, through the pro-anorexia and bulimia communities. This paper attempt to understand the difference between hegemonic approaches and the belief of these young people, from anthropological theories about the health and the disease, the bioascese and feminist theories. Using the interpretation of meanings it's noticed that the eating disorders are considered lifestyles whereby we seek to escape the suffering through the control of bodies and desires. There is a plot between control, power and domination, in which young people plead for autonomy and independence, the society defines and regulates their bodies, and thus impose a domination, and the professionals having the health discourses as bases, intend to teach them how to control their bodies, exerting somewhat a power over the other.

  4. Determinantes de hábitos alimentares em crianças de 0 a 4 anos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Mari Saho

    1990-12-01

    Full Text Available Este trabalho tem como objetivo principal o estudo dos fatores que influenciam no hábito alimentar das crianças de 0 a 4 anos de idade, nas diversas frações de classes comparando-se com o estado nutricional das mesmas. Com base nos dados obtidos através da aplicação dos questionários e das entrevistas dirigidas às pessoas responsáveis pela alimentação da criança, foi possível efetuar algumas análises estatísticas e a interpretação dos discursos apresentados pelos informantes.

  5. Problematização da publicidade de alimentos com adolescentes: utilização de vídeo como aporte educativo.

    OpenAIRE

    Coluço, Dirce Regina Simão

    2015-01-01

    Trabalho de conclusão de curso apresentado ao Instituto Latino-Americano de Economia, Sociedade e Política da Universidade Federal da Integração Latino-Americana (UNILA), como requisito parcial à obtenção do título de Bacharel em Desenvolvimento Rural e Segurança Alimentar. Orientadora: Profa. Dra. Érika Marafon Rodrigues Ciacchi. Este trabalho apresenta a análise da percepção de adolescentes sobre a influência da publicidade de alimentos nas escolhas e práticas alimentares, através dos re...

  6. Segurança alimentar: a abordagem dos alimentos transgênicos Food safety: the approach to transgenic foods

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Suzi Barletto CAVALLI

    2001-01-01

    Full Text Available O objetivo desta comunicação é discutir a relação entre a segurança alimentar e os alimentos geneticamente modificados. A biotecnologia e a engenharia genética têm sido encaradas como parte da segunda revolução verde, justificando-se, entre outras prerrogativas, o uso de alimentos transgênicos como solução do problema da fome no mundo, sem risco à saúde da população e ao meio ambiente. Face a essa premissa, discute-se a segurança alimentar sob os enfoques qualitativos e quantitativos, destacando as atribuições dos órgãos responsáveis e suas interfaces com alimentos geneticamente modificados. Acredita-se que os alimentos transgênicos não sejam a solução para o problema da fome no mundo.The objective of this communication is to discuss the relationship between food safety and genetically modified foods. Biotechnology and genetic engineering are being considered as part of the second green revolution, showing that the use of transgenic foods is the solution for the world's hunger problem, without risk to the population's health and the environment. Because of this matter, food safety is being discussed, not only in qualitative but also in quantitative aspects, emphasizing the attributions of the responsible institutions and their interfaces with genetically modified foods. The transgenic foods are believed not to be the solution of the hunger problem in the world.

  7. Prevalência das doenças do comportamento alimentar

    OpenAIRE

    Dixe, Maria dos Anjos

    2004-01-01

    Os principais objectivos deste estudo são: a) avaliar a prevalência das doenças do comportamento alimentar numa população não clínica de estudantes; b) identificar a população em risco para as doenças do comportamento alimentar. Metodologia: Para a concretização dos objectivos realizámos um estudo não experimental, transversal, correlacional de tipo quantitativo. O estudo realizado incidiu sobre 1388 estudantes do ensino secundário e superior da zona centro de Portu...

  8. Prevalência de comportamentos alimentares disfuncionais em mulheres idosas

    OpenAIRE

    Gomes, Fabiana Vanessa Silva

    2015-01-01

    Dissertação de mestrado em Psicologia Aplicada (área de especialização em Psicologia Clínica e da Saúde) Comportamentos alimentares disfuncionais são frequentes em jovens, mas pouco se sabe sobre a sua prevalência em mulheres idosas. Este estudo consiste em estudar a prevalência pontual de comportamentos alimentares disfuncionais em mulheres com 65 anos ou mais. Estudo de prevalência constituído por um momento de avaliação de duas fases com 342 mulheres entre os 65 e 94 anos...

  9. Padrões alimentares em mudança: a cozinha italiana no interior paulista

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Flávia Arlanch Martins de Oliveira

    2006-06-01

    Full Text Available Este artigo analisa como, com a chegada do imigrante italiano ao interior de São Paulo quando da grande imigração que se deu a partir de meados da década de 1880, teve início uma troca de hábitos alimentares, tanto em meio a esses imigrantes como na sociedade hospedeira. Para tanto, restringimos nosso estudo à cidade de Jaú, uma vez que esse município, no período em questão, recebeu um representativo fluxo de imigrantes italianos.This article analyses how, with the arrival of the Italian Immigrant in the interior of São Paulo State, by the time of the great immigration that took place from the mid 1880 decade on, it started an exchange of eating habits, of these immigrants as well as of the host society. Therefore, we limited our study within Jaú city, since this municipal district, at that time, had received a representative flow of Italian immigrants.

  10. ANÁLISES SOBRE MUDANÇAS NOS HÁBITOS ALIMENTARES DE CRIANÇAS MORADORAS DO ASSENTAMENTO PAQUEQUER, NOVA OLINDA DO NORTE- AM./ Analysis about changes in the food habits of children living in Paquequer Settlement, Nova Olinda do Norte - AM.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ingrid Silva de Freitas

    2017-12-01

    Full Text Available As informações apresentadas neste artigo resultam do trabalho de iniciação científica no PIB-H/0083/2015-CNPq, realizados no Projeto de Assentamento Paquequer, município de Nova Olinda do Norte – Amazonas, no ano de 2015. O assentamento pesquisado configura um modelo de assentamento tradicional, localizado em ecossistema amazônico de terra firme distante 13 km da sede do município. Participaram da pesquisa, crianças moradoras do assentamento, matriculadas no Ensino Fundamental II da Escola Municipal Paquequer. O objetivo da pesquisa buscou analisar como se apresentava o consumo alimentar do universo pesquisado, tanto em sua moradia quanto no ambiente escolar, verificando se nesses locais poderiam ser identificadas mudanças nos hábitos alimentares regionais. Os dados obtidos no resultado final da pesquisa confirmaram que, nos últimos anos, o consumo de alimentos ultraprocessados como refrigerantes, biscoitos recheados e embutidos é amplamente realizado pelos entrevistados dentro do assentamento, em detrimento do consumo reduzido de frutas, peixes e alimentos tradicionalmente regionais, demonstrando que cada vez mais os padrões alimentares urbanos estão sendo vivenciados no modo de vida rural.

  11. Perspectivas de segurança alimentar e nutricional no Quilombo de Tijuaçu, Brasil: a produção da agricultura familiar para a alimentação escolar

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Andréia Santos Carvalho

    2014-09-01

    Full Text Available A fome e a insegurança alimentar são problemas que atingem milhares de pessoas no mundo. No Brasil, cerca de dez milhões de famílias não possuem renda suficiente para garantir a segurança alimentar. Nas comunidades tradicionais quilombolas constata-se uma grave situação de insegurança alimentar, relacionada à constante ameaça ao domínio dos seus territórios e ao precário acesso às políticas públicas. O estudo analisou as percepções simbólicas e sociais dos quilombolas, na oferta de alimentos agrícolas, ao Programa Nacional de Alimentação Escolar, para promoção de segurança alimentar e nutricional. Utilizou-se a abordagem etnográfica e seus instrumentos. Os resultados mostram que a comunidade concebe e valoriza o alimento “natural” da terra como fonte de sobrevivência e desenvolvimento local. Mesmo com as dificuldades, o Programa Nacional de Alimentação Escolar possibilitará a geração de renda aos agricultores familiares e uma Alimentação Escolar saudável aos estudantes.

  12. CAPACITAÇÃO DE CRIANÇAS COM DIFICULDADES INTELECTUAIS PARA BOAS PRÁTICAS ALIMENTARES

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria Aurora Boné

    2015-07-01

    Full Text Available A obesidade é considerada pela Organização Mundial de Saúde uma epidemia do século XXI. Existe evidência científica suficientemente forte que associa as práticas alimentares à obesidade. Os estudos acerca dos hábitos alimentares entre a população com necessidades educativas especiais escasseiam, em Portugal. Este trabalho parte do pressuposto que a capacitação de pessoas com dificuldades intelectuais contribui favoravelmente para as suas escolhas alimentares. Desenvolveu-se com seis alunas institucionalizadas, do terceiro ciclo do ensino básico português, com dificuldades intelectuais, de um agrupamento de escolas do distrito de Portalegre (Portugal, no ano letivo de 2013/2014. Fez-se avaliação antropométrica e observação não participante dos sujeitos, relativamente aos seus hábitos e às suas práticas alimentares, em ambiente escolar. A análise da informação permitiu elaborar um plano de capacitação para escolhas alimentares saudáveis, desenvolvido em função da especificidade de cada sujeito. Os resultados apontam para uma alteração nos comportamentos alimentares no período imediatamente decorrente à implementação do programa de capacitação.

  13. Transtornos alimentares em escolares Eating disorders in school children

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    João E. M Vilela

    2004-02-01

    Full Text Available OBJETIVO: Este trabalho investiga a freqüência de possíveis transtornos da alimentação e comportamentos alimentares inadequados em crianças e adolescentes de seis cidades do interior de Minas Gerais, uma vez que a maioria dos autores afirma uma prevalência maior em países desenvolvidos. MÉTODOS: Este é um estudo transversal onde foram aplicadas as auto-escalas BITE (Teste de Investigação Bulímica de Edinburgh, EAT (Teste de Atitudes Alimentares e Teste de Imagem Corporal em 1.807 estudantes de escolas públicas do Ensino Fundamental e Médio, com idade entre 7 e 19 anos. RESULTADOS: De acordo com a auto-escala EAT, 241 alunos (13,3% apresentaram possíveis transtornos de alimentação, com predominância significativa do sexo feminino. E, segundo a auto-escala BITE, 19 estudantes (1,1% apresentaram um escore compatível com bulimia nervosa. Encontramos 1.059 alunos (59% insatisfeitos com sua imagem corporal, 731 alunos (40% em uso de dieta para emagrecer e 1.014 alunos (56% que praticavam atividade física com a finalidade de perder peso. Os episódios bulímicos foram encontrados em 218 alunos (12%, e 175 alunos (10% utilizavam métodos purgativos para perder peso. CONCLUSÕES: Este estudo mostra uma alta prevalência de possíveis transtornos alimentares na população estudada, assim como comportamentos alimentares inadequados, principalmente em adolescentes do sexo feminino. Os resultados são semelhantes aos encontrados nos países considerados desenvolvidos. Concluímos que esses achados são relevantes para a clínica da criança e do adolescente e que podem proporcionar futuros trabalhos onde poderemos compreender melhor os possíveis fatores de risco para esses transtornos da alimentação.OBJECTIVE: To determine the prevalence of possible eating disorders and inappropriate eating behaviors in school children from six municipalities in the state of Minas Gerais, Brazil. METHODS: Cross-sectional study. The Bulimic

  14. Hábitos e comportamentos alimentares de adolescentes com sintomas de anorexia nervosa

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Dunker Karin Louise Lenz

    2003-01-01

    Full Text Available Foram avaliados os hábitos e comportamentos alimentares de adolescentes do sexo feminino com sintomas de anorexia nervosa de uma escola particular. Foi identificada a presença de sintomas através do "Teste de Atitudes Alimentares". O recordatório de 24 horas "modificado" foi usado para avaliar os alimentos consumidos e um questionário foi aplicado para investigar as preferências e aversões alimentares. Das 279 alunas estudadas, 21,1% apresentaram sintomas. Os alimentos mais consumidos entre estas estudantes foram frutas, hortaliças, leite desnatado e bala, e os menos consumidos foram refrigerante, chocolate, massa e batata frita. Os alimentos de que "mais gostam" foram, em ordem decrescente: massas, carnes, hortaliças e doces; e os de que "menos gostam" foram: hortaliças, carnes e gorduras. Houve aversão maior por doces nas adolescentes com sintomas de anorexia nervosa. Concluiu-se ter havido um alto número de alunas com sintomas apresentando aversões alimentares semelhantes às de anoréxicas.

  15. Doação de alimentos: fetiche ou política de segurança alimentar

    OpenAIRE

    Gambardella, Alice Dianezi

    2005-01-01

    A Doação de Alimentos permanece como uma das atividades da Política de Segurança Alimentar. Tem sido ela um fetiche ou efetivamente um mecanismo constitutivo dessa política? Para examinar esta questão, foi elaborado estudo do desempenho do Banco de Alimentos do Município de São Paulo, no período de 2004. As dimensões e o alcance desta iniciativa de combate ao desperdício de alimentos serviram de base para a análise da atuação governamental sobre este tipo de ação e demais me...

  16. O conhecimento de pediatras sobre alergia alimentar: estudo piloto Pediatricians' knowledge on food allergy: pilot study

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Dirceu Sole

    2007-12-01

    Full Text Available OBJETIVO: Avaliar o conhecimento de pediatras sobre alergia alimentar. MÉTODOS: Dados obtidos de questionário padronizado, postado e respondido por pediatras filiados à Sociedade Brasileira de Pediatria (SBP. Digitação dos dados em planilha Excel e análise de freqüência de respostas afirmativas em porcentagem. RESULTADOS: Foram analisados 895 questionários preenchidos por pediatras de todo o país, com predomínio da região Sudeste (61,6%. Segundo os pediatras entrevistados, as manifestações diagnósticas de alergia alimentar são: respiratórias, cutâneas e sistêmicas, em iguais proporções. Ainda segundo estes pediatras, leite de vaca (98,9%, clara de ovo (58,7% e amendoim (50,9% são os principais alimentos associados a essas manifestações. Embora 74,8% dos respondedores tivessem identificados os corantes e aditivos alimentares como responsáveis pela alergia alimentar, apenas 19,4% conheciam o código de identificação da tartrazina. CONCLUSÕES: Os dados apresentados reforçam a necessidade de ampliação dos conhecimentos dos profissionais de saúde sobre o diagnóstico e tratamento da alergia alimentar, com o objetivo de garantir o uso de critérios diagnósticos e terapêuticos mais adequados.OBJECTIVE: To evaluate the knowledge of Brazilian pediatricians about food allergy. METHODS: Data was obtained from a sent back posted written questionnaire. It was filled in by Brazilian pediatricians, affiliated to the Brazilian Society of Pediatrics. Data was transcript to an Excel spread sheet and the frequency of affirmative responses was reported as percentages. RESULTS: Data from 895 written questionnaire of pediatricians from all over Brazil, (mainly from the southeastern region - 61.6%, were analyzed. The main clinical expressions of food allergy determined by the pediatricians were: respiratory, cutaneous and systemic symptoms (equal proportions. According to these pediatricians, cow's milk (98.9%, egg white (58.7% and

  17. O inconsciente e os interditos alimentares: o desejo e o prazer ainda têm um lugar na vida do idoso? The unconscious and food repression: is there any place for desire and pleasure in the elderly's life?

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    André Chevance

    2000-01-01

    Full Text Available O autor propõe-nos, a partir da idéia de exogamia alimentar e de seu lugar no complexo de Édipo, uma reflexão sobre os interditos também alimentares, no sujeito idoso, e sobre os efeitos perversos - como a hipocondria - que daí podem advir. Trata-se, afinal, de uma reflexão sobre uma escolha social que consiste em substituir, através do alimentar, o desejo pelo interdito.Through the idea of food exogamy and its place in Edipus’ complex, the author aims at reflecting upon food repression in the elderly’s life and upon its perverse effects - such as hipochondry - as a result of that process. It deals, therefore, with a reflection on a social choice which consists of substituting for food, the desire for prohibition or repression.

  18. Preocupação e insatisfação com o corpo, checagem e evitação corporal em pessoas com transtornos alimentares

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Angela Nogueira Neves Betanho Campana

    2012-12-01

    Full Text Available Este estudo teve por objetivo avaliar aspectos da imagem corporal em uma amostra de pessoas com anorexia nervosa, bulimia nervosa e transtorno alimentar não-especificado. A amostra foi composta por 14 voluntárias atendidas pelo Ambulatório de Transtornos Alimentares da Universidade Estadual de Campinas. O Software de Avaliação Perceptiva foi utilizado para avaliar a insatisfação com o corpo. A preocupação com o corpo, checagem e evitação corporal foram avaliadas pelo Body Shape Questionnaire, Body Checking Questionnaire e Body Image Avoidance Questionnaire, respectivamente. A análise descritiva e as correlações entre as medidas mostraram elevados níveis de insatisfação, checagem, evitação e preocupação com o corpo, com associações significantes. Estes achados evidenciaram a importância dos parâmetros investigados na dinâmica dos transtornos alimentares. Conhecer esses componentes da imagem corporal favorece a ampliação das possibilidades de melhor compreender como se organiza a representação mental do corpo dessas pacientes e planejar mais cuidadosamente as intervenções no decurso do tratamento.

  19. Práticas e comportamento alimentar no meio urbano: um estudo no centro da cidade de São Paulo Eating practices and behavior in the urban environment: a study in downtown São Paulo

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rosa Wanda Diez Garcia

    1997-09-01

    Full Text Available Este trabalho explora a dimensão da comida no modo de vida urbano, tendo em vista as implicações que este modo de vida tem nos hábitos alimentares e nas representações simbólicas envolvidas. Utilizamos como referencial teórico os conceitos de representação social e de habitus para abordarmos a experiência alimentar. A metodologia utilizada foi a análise qualitativa do discurso de 21 funcionários administrativos e o estudo de observação em estabelecimentos comerciais, como lanchonetes e restaurantes na região central de São Paulo. O estudo do comportamento alimentar foi exposto em dois planos: o dos alimentos e preparações consumidos e o dos desejados. Por sua origem no universo doméstico, os aspectos simbólicos associados à alimentação têm uma forte matriz afetiva. As condições concretas do meio urbano associadas aos limites financeiros do sujeito estabelecem um arcabouço de valores e sentimentos compatíveis com suas possibilidades. A abreviação dos rituais alimentares e suas implicações no comportamento alimentar são abordados bem como as características do atual padrão de alimentação urbano.This study focuses on the implications of urban life style on eating habits and the related symbolic representations. Theoretical references used to approach the food experience are the concepts of social representation and habitus. The methodology consisted of a qualitative analysis of interviews with 21 administrative employees and field observations made at commercial establishments in downtown São Paulo, such as snack bars and restaurants. Study of eating behavior and practices was developed along two planes: food actually eaten and food desired. Results were classified into three segments: "ingesting and digesting affection", "determinants of social representations of eating practices", and "rituals in eating practices". Due to their origin in a domestic universe, symbolic aspects associated with food have a

  20. Sintomas de transtorno alimentar, insatisfação com a imagem corporal e consumo alimentar em meninas adolescentes de Florianópolis, SC

    OpenAIRE

    Souza, Lidiamara Dornelles de

    2012-01-01

    Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Ciências da Saúde, Programa de Pós-Graduação em Nutrição, Florianópolis, 2012. Objetivo: Investigar a associação entre consumo alimentar, sintomas de risco para transtornos alimentares e insatisfação com a imagem corporal das adolescentes da rede de ensino fundamental e médio de Florianópolis, SC. Métodos: Estudo transversal, com 1052 adolescentes do sexo feminino das redes de ensino pública e privada de Florianópol...

  1. Desafios éticos, metodológicos e pessoais/profissionais do fazer etnográfico em um serviço público de saúde para atendimento aos transtornos alimentares na cidade do Rio de Janeiro

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Priscila da Silva Castro-Vianez

    2015-03-01

    Full Text Available O artigo discute os desafios no trabalho de campo em uma pesquisa etnográfica em curso em um serviço público de saúde na cidade do Rio de Janeiro, que oferta atendimento a adolescentes de ambos os sexos com transtornos alimentares. A pesquisa tem como questão central de investigação a anorexia nervosa publicamente reconhecida, a partir da busca por atendimento de saúde por parte dos pais e/ou responsáveis de adolescentes que apresentam sinais e/ou sintomas sugestivos de transtornos alimentares. Busca-se conhecer a dinâmica de funcionamento cotidiano do serviço de saúde eleito, como o diagnóstico da doença é construído na equipe de saúde, bem como o processo de adoecimento vivenciado pelos usuários e suas relações de sociabilidade. Para alcançar os objetivos da investigação, foi preciso “converter” a nutricionista, sem qualquer experiência prévia em pesquisas qualitativas, em antropóloga, bem como enfrentar os entraves éticos e metodológicos que permeiam o trabalho de campo da pesquisa antropológica em saúde.

  2. Conhecimento nutricional e suplementação alimentar por praticantes de exercícios físicos

    OpenAIRE

    Moreira, Fernanda Pedrotti; Rodrigues, Kelly Lameiro

    2014-01-01

    INTRODUÇÃO: O ambiente das academias favorece a disseminação de padrões estéticos estereotipados, levando muitos frequentadores a desenvolver hábitos alimentares inadequados e, muitas vezes, recorrer à utilização de suplementos alimentares. Ainda existe muita falta de informação e orientação em relação à nutrição ideal, o que pode prejudicar o desempenho desportivo.OBJETIVO: Avaliar o uso de suplementos alimentares, consumo alimentar e conhecimento nutricional dos praticantes de exercícios fí...

  3. Determinantes sociais e psicológicos do comportamento alimentar infantil

    OpenAIRE

    Andrade, Maria da Graça Massano de Amorim de Mavigné, 1961-

    2014-01-01

    Tese de doutoramento, Psicologia (Psicologia da Saúde), Universidade de Lisboa, Faculdade de Psicologia, 2014 A redução da taxa de crescimento da obesidade infantil é um dos principais objetivos de saúde, a nível nacional e internacional, o que reforça a importância da aquisição de hábitos alimentares saudáveis nos primeiros anos da infância. Uma vasta evidência empírica aponta para a influência de uma multiplicidade de determinantes do comportamento alimentar infantil, sendo contudo neces...

  4. Síndrome de Cotard: Dois Casos de Recusa Alimentar

    OpenAIRE

    Teixeira, Bruno Gonçalves; Araújo, Ana Filipa; Perestrelo, João Ferreira

    2015-01-01

    Introdução: A Síndrome de Cotard é uma condição clínica relativamente rara que se caracteriza por vários graus de delírios niilistas, quase sempre na forma de auto-negação. Objectivos: Descrever dois casos de Síndrome de Cotard associados a recusa alimentar e realizar uma revisão do conceito e das características clínicas desta síndrome. Métodos: Realizou-se a recolha de informa- ção de dois casos clínicos associados a recusa alimentar. Procedeu-se a uma revisão ...

  5. O espaço alimentar e seu papel na socialização da infância

    OpenAIRE

    Lessa, Juliana Schumacker

    2011-01-01

    Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Ciências da Educação, Programa de Pós-Graduação em Educação, Florianópolis, 2011 Os momentos destinados à alimentação na creche representam o principal eixo norteador da rotina institucional da educação infantil, sobretudo naquelas de atendimento integral. Legitimado pelos campos da educação e da saúde, o espaço alimentar, nestas instituições, é reconhecido como central na formação do gosto ou, do hábito, e na incor...

  6. Segurança alimentar de suplementos comercializados no Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luiz Fernando Miranda da Silva

    2014-10-01

    Full Text Available INTRODUÇÃO: A ingestão de suplementos deve ser seguro à saúde.OBJETIVO: Avaliar a segurança alimentar de suplementos dietéticos no Brasil.MÉTODOS: Os produtos foram pesquisados em 36 websites dos mais relevantes em venda de suplementos no Brasil. Para a verificação da situação legal dos produtos e seus fabricantes, consultou-se a legislação brasileira e o banco de dados do Ministério da Saúde.RESULTADOS: Identificou-se 3526 suplementos, sendo 63% comercializados para fins de emagrecimento e hipertrofia muscular. Dentre os 3526 produtos, 68,7% possuíam obrigatoriedade de registro no Ministério da Saúde, sendo a maioria registrada como "Alimentos para atletas" (49%, n=1189. Constatou-se que 70,7% dos fabricantes de 2425 suplementos estavam ou comercializavam produtos em situação irregular. Dentre os 100 suplementos destinados ao emagrecimento e hipertrofia líderes de venda na internet, 40% eram vendidos ilegalmente. Todos os produtos regularizados vendidos para emagrecimento e 22% para hipertrofia estavam registrados em categorias incompatíveis aos fins comerciais. Todos os websites ofertavam alimentos funcionais como fitoterápicos e vice-versa, e 27% vendiam alimentos de origem animal como fitoterápicos. Dentre os suplementos registrados para nutrição enteral (n=91, 45% eram vendidos para fins estéticos e explosão muscular.CONCLUSÃO: Suplementos para hipertrofia muscular e emagrecimento podem constituir tendência de mercado no Brasil. A decisão do Ministério da Saúde de isentar categorias de alimentos para atletas, e outros fins específicos da obrigatoriedade de registro, pode aumentar os riscos à saúde dos consumidores.

  7. CONDIÇÕES SOCIOECONÔMICAS, CONSUMO ALIMENTAR E ESTADO NUTRICIONAL DE PRÉ- ESCOLARES PERTENCENTES A UMA CRECHE

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Tessa Bitencourt VALENTE

    2010-12-01

    Full Text Available

    O objetivo deste estudo foi analisar as condições socioeconômicas, o consumo alimentar e o estado nutricional de 39 pré-escolares pertencentes a uma creche da cidade de Santa Maria/RS. Foi aplicado um questionário para análise do perfil socioeconômico das famílias e um questionário de frequência alimentar contendo itens alimentares usualmente consumidos pelos pré-escolares, a fim da verificação do consumo alimentar. As curvas de crescimento propostas pela Organização Mundial da Saúde foram utilizadas para análise do perfil nutricional. Utilizou-se o teste do Qui-quadrado ou teste Exato de Fisher para comparação entre as variáveis de frequência e o teste t de Student para verificar a diferença entre as médias (P≤0,05. Quanto aos resultados, constatou-se que as famílias apresentavam um bom nível socioeconômico, já que 66,67% dos responsáveis possuíam ensino superior; 51,28%, casa própria; e em 58,97% dos domicílios geralmente moravam de 1 a 3 pessoas. Foi observado um grande consumo de leite, cereais, refrigerantes, guloseimas e um baixo consumo de frutas e hortaliças. Embora a maioria das crianças fosse classificada como eutrófica (82,05%; 100%; 66,67%; 64,10% nos indicadores P/I, E/I, P/E e IMC, respectivamente, houve uma prevalência importante de risco de sobrepeso e de sobrepeso. Os dados mostraram que o bom nível socioeconômico das famílias garantiu o acesso a uma alimentação variada. No entanto, verifica-se que seria importante uma orientação nutricional para promover alimentação saudável, uma vez que foi observado grande consumo de carboidratos simples, refrigerantes e lipídios em detrimento de frutas, hortaliças e cereais integrais, além de uma tendência ao excesso de peso.

  8. Avaliação Nutricional, Consumo Alimentar e Risco para Doenças Cardiovasculares de Crianças Praticantes de Natação

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fernanda Donner Alves

    2010-09-01

    Full Text Available Introdução: As doenças cardiovasculares (DCV destacam-se, nos dias atuais, como a mais frequente causa de mortalidade, inclusive na infância. Dentre os fatores de risco para DCV estão o alto consumo de gorduras saturadas, trans, colesterol, como também o excesso de peso e gordura corporal. Objetivo: avaliar o estado nutricional e consumo alimentar de crianças praticantes de natação de um clube esportivo. Métodos: A avaliação nutricional foi realizada por meio de antropometria, utilizando-se: peso, estatura, dobra cutânea triciptal (DCT, subescapular (DCSE, circunferência abdominal (CA e cálculo do Índice de Massa Corporal (IMC. O percentual de gordura corporal (%GC foi determinado através da soma da DCT e da DCSE. Para avaliar o consumo alimentar utilizou-se o Questionário Simplificado para Avaliação de Risco Cardiovascular (QRC que identifica a frequência de consumo de 9 alimentos ricos em gorduras. Resultados: Foram avaliadas 204 crianças, 59% do sexo masculino, com média de idade de 8±2 anos. Quando classificados, 30,4% apresentavam-se com excesso de peso de acordo com o IMC, 26% tinham CA aumentada e 41% apresentaram alto consumo de alimentos que aumentam o risco cardiovascular. De acordo com a classificação do %GC, 11% foram classificados como muito alto para a idade, com diferença significativa entre os sexos (P

  9. Avaliação nutricional e consumo alimentar de pacientes com doença celíaca com e sem transgressão alimentar

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cristiana Santos Andreoli

    2013-06-01

    Full Text Available OBJETIVO: Avaliar o estado nutricional e a ingestão de energia e de macronutrientes de pacientes com diagnóstico de doença celíaca que transgrediam ou não a dieta isenta de glúten. MÉTODOS: Foram estudados 63 pacientes com doença celíaca: 34 crianças e 29 adolescentes. Transgressão à dieta isenta de glúten foi caracterizada por meio da dosagem sérica do anticorpo antitransglutaminase tissular recombiante humana. O estado nutricional foi avaliado com base nos escores-Z de peso/idade, estatura/idade e no índice de massa corporal. A ingestão alimentar foi avaliada por meio do inquérito alimentar de 24 horas. RESULTADOS: A transgressão à dieta sem glúten foi constatada em 41,2% das crianças e em 34,5% dos adolescentes. Nas crianças com transgressão alimentar, a média do escore-Z de estatura/idade foi inferior à das crianças do grupo que não transgredia (p=0,024. Todavia, o grupo com transgressão apresentou maior escore-Z do índice de massa corporal em relação aos que não transgrediam (p=0,021. Os adolescentes que não transgrediam apresentaram maior índice de massa corporal quando comparados aos que transgrediam a dieta (p=0,037. Em relação à ingestão alimentar, não se observou diferença estatística entre os grupos. Todavia, cerca de 70,0% das crianças e adolescentes apresentaram consumo de energia acima de 120,0% da recomendação. CONCLUSÃO: As crianças que transgrediam a dieta apresentaram menor escore-Z de estatura/idade e maior escore-Z para índice de massa corporal do que crianças que seguem sem transgressões alimentares. Os adolescentes que não transgrediam a dieta apresentaram maior média de índice de massa corporal quando comparados aos que transgrediam a dieta. Consumo energético elevado foi observado tanto nas crianças quanto nos adolescentes.

  10. Histórias de Sucesso de Profissionais da Saúde no Tratamento dos Transtornos Alimentares

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Laura Vilela e Souza

    Full Text Available O objetivo deste artigo é descrever as histórias de sucesso de profissionais de saúde no atendimento de pessoas diagnosticadas com transtornos alimentares, entendendo que essas narrativas criam contraponto aos sentidos mais amplamente propagados na literatura da área que qualificam negativamente esse relacionamento. Participaram seis profissionais de um serviço de assistência ambulatorial em anorexia e bulimia de um hospital-escola. As entrevistas abertas foram analisadas a partir do discurso construcionista social. Os sentidos realçados abordam a ressignificação do paciente considerado difícil, importância do foco na relação profissional-paciente e não nos sintomas dos transtornos, aprendizado do profissional com o paciente, proximidade afetiva nessa relação, busca de alternativas para o embate de verdades entre profissional e paciente, e a psicoterapia para o profissional como abertura para autoreflexividade no atendimento ao paciente. Esses sentidos convidam à transformação do que vai ser considerado melhora e como o profissional participa do seu alcance.

  11. Instrumentos de avaliação da imagem corporal e dos hábitos alimentares na anorexia nervosa: análise da produção científica

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Carolina Leonidas

    Full Text Available Este estudo é uma revisão integrativa da literatura que tem o objetivo de descrever os instrumentos de mensuração utilizados na avaliação da imagem corporal e dos hábitos alimentares na anorexia nervosa. As bases consultadas foram LILACS e SciELO. Das 98 referências levantadas, oito foram selecionadas e recuperadas na íntegra para extração dos dados, constituindo o corpus da pesquisa. Constatou-se o predomínio de publicações na última década, principalmente a partir de 2000. Em termos gerais, os resultados indicaram que há poucos instrumentos que avaliam a imagem corporal e os hábitos alimentares de forma aprofundada, sendo que a maioria dos instrumentos encontrados visava a avaliar os sujeitos e a estabelecer o diagnóstico de transtorno alimentar (TA. Evidenciou-se, assim, a necessidade de mais estudos na área de elaboração e de validação de testes, escalas e inventários que tratem das síndromes parciais dos TAs, tais como a distorção da imagem corporal.

  12. Abordagem laboratorial no diagnóstico da alergia alimentar Laboratorial approach in the diagnosis of food allergy

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Renata Rodrigues Cocco

    2007-09-01

    Full Text Available OBJETIVO: Revisar os exames laboratoriais disponíveis utilizados no diagnóstico da alergia alimentar mediada ou não por IgE. FONTES DE DADOS: Artigos publicados em base de dados PubMed e Embase (língua inglesa e portuguesa nos últimos dez anos. As palavras-chave utilizadas como fonte de busca foram "alergia alimentar", "diagnóstico" e "laboratório", isolados e/ou associados. SÍNTESE DOS DADOS: A abordagem diagnóstica das reações alérgicas a alimentos inclui história clínica completa, estudos laboratoriais, dietas de eliminação e desencadeamentos cegos com alimentos. Recentemente, a medida quantitativa de anticorpos IgE específicos a alimentos tem mostrado ser mais preditiva de alergia alimentar sintomática mediada por IgE. Níveis séricos de IgE específica a alimento que excedam os valores diagnósticos indicam que o paciente tem chance maior que 95% de apresentar uma reação alérgica se ingerir o alimento em questão. Estes "valores de decisão" foram definidos para alguns alimentos e resultados inconsistentes são obtidos ao se estudar diferentes populações. Os desencadeamentos com alimento, especialmente o duplo-cego controlado por placebo (DADCCP, representa a maneira mais confiável de estabelecer ou descartar o diagnóstico de hipersensibilidade alimentar. CONCLUSÕES: Número crescente de aquisições tem melhorado o valor preditivo de alguns testes laboratoriais empregados no diagnóstico de alergias alimentares. Entretanto, até hoje, não há teste in vitro ou in vivo que mostre correlação completa com a clínica da alergia alimentar. O DADCCP continua sendo o padrão-ouro no diagnóstico definitivo de alergia alimentar específica. São necessárias, urgentemente, novas abordagens diagnósticas válidadas em pacientes com alergia alimentar confirmada por DADCCP positivo.OBJCTIVE: Review the available laboratory tests used to assist in the diagnosis of IgE-mediated and non-IgE-mediated food allergy. DATA

  13. La Soberanía Alimentaria como enfoque crítico y orientación alternativa del sistema agroalimentario global

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Diego Domínguez

    2015-07-01

    explanatory power and consistency disruptive underlying commitment to food sovereignty. Food sovereignty seeks to operate both as an analytical approach “agrarian question” and deploying alternative to capitalist agriculture as the base material of the industrial civilization paradigm. ResumoNo contexto da intensificação dos processos de concentração de terra e apropriação privada dos recursos naturais, assim como o controle dos sistemas agro-alimentares por empresas transnacionais, o ativismo camponês na escala global, em 1996, lançou um slogan chamando “soberania alimentar”. A soberania alimentar tem sido apresentada como um horizonte a ser alcançado, mas também se refere a um conjunto de experiências já em curso em diferentes países. Neste artigo de reflexão (tipo II apresenta-se uma análise dessa plataforma política, tendo os principais documentos emitidos em seus congressos internacionais pela aliança internacional de organizações que a exercem, e os acontecimentos históricos que fazem a trajetória deste lema. A partir dele, implantaremos um conjunto de interpretações sobre a capacidade explicativa e a consistência pertur- badora subjacente à aposta pela soberania alimentar. A soberania alimentar busca atuar tanto como uma abordagem analítica para a “questão agrária”, como alternativa para a implantação da agricultura capitalista como base material do paradigma da civilização industrial. 

  14. Seguranca alimentar, renda e Programa Bolsa Familia: estudo de coorte em municipios do interior da Paraiba, Brasil, 2005-2011

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Caroline Sousa Cabral

    2014-02-01

    Full Text Available Este trabalho tem por objetivo avaliar o impacto do Programa Bolsa Família na superação da Insegurança Alimentar. Realizou-se um estudo de coorte em 2005 e 2011, em amostra de famílias residentes em São José dos Ramos e Nova Floresta, Paraíba, Brasil. Em 2005 foram avaliados 609 domicílios e em 2011 foram encontradas e entrevistadas 406 famílias. Houve aumento da segurança alimentar/insegurança alimentar leve e melhoria nos indicadores socioeconômicos. Percebeu-se uma relação significativa entre a elevação da renda e a melhoria dos níveis de Insegurança Alimentar. O programa impacta positivamente no aumento da renda, propiciando melhorias dos níveis de segurança alimentar/insegurança alimentar leve. Percebeu-se que outras variáveis socioeconômicas podem estar contribuindo na melhoria deste perfil. Diante disso, no combate à insegurança alimentar e nutricional, são necessárias outras políticas e programas que ajam nos demais determinantes.

  15. Consumo de fibra alimentar e de macronutrientes por crianças com constipação crônica funcional Fiber and nutrients intake in constipated children

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rosane C. Gomes

    2003-09-01

    Full Text Available OBJETIVOS: Estimar o consumo de fibra alimentar e de macronutrientes por crianças com constipação crônica funcional atendidas em ambulatório especializado. CASUÍSTICA E MÉTODOS: O estudo caso-controle foi desenvolvido no Hospital de Pediatria da Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, RN, Brasil. Foram analisadas 54 crianças na faixa etária de 2 a 12 anos com constipação crônica funcional, pareadas por sexo e faixa etária com 50 crianças sem constipação (grupo-controle. A avaliação do consumo alimentar foi feita através do registro alimentar de 3 dias e a análise e adequação das dietas foram realizadas por programa informatizado. RESULTADOS: Em 59,3% dos casos a constipação teve início nos dois primeiros anos de vida. Não houve diferença quanto ao sexo no grupo com constipação, nem associação entre constipação e desnutrição nas crianças estudadas. A quantidade de alimentos ingerida por crianças com constipação foi menor quando comparada à do grupo-controle. O consumo médio diário de energia, proteínas, carboidratos e lipídios foi significativamente menor no grupo de crianças com constipação, assim como os percentuais de adequação calórica e protéica. A ingestão média de fibra alimentar total (g/dia foi estatisticamente menor no grupo com constipação (6,9 + 3,4 do que no grupo controle (8,6 + 4,2. A proporção de crianças consumindo menos fibra alimentar em relação ao mínimo recomendado pela Fundação Americana de Saúde (idade + 5 g foi maior no grupo com constipação (83,3% do que no grupo controle (66,0%. A odds ratio foi igual a 2,6. CONCLUSÕES: Houve menor consumo de fibra alimentar, de energia, proteínas, carboidratos e lipídios por crianças com constipação, assim como menor percentual de adequação calórica e protéica. O baixo consumo de fibra alimentar foi considerado como fator de risco para o desenvolvimento de constipação crônica funcional

  16. Hábitos alimentares entre funcionários de banco estatal: padrão de consumo alimentar Eating habits among employees of a state-owned bank: food consumption profile

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria de Jesus Mendes da Fonseca

    1999-01-01

    Full Text Available Com o objetivo de identificar as condições de saúde dos funcionários de um banco estatal, no Estado do Rio de Janeiro, realizou-se estudo seccional em dois setores do banco, através de amostragem sistemática. Entre as condições de saúde, o perfil dos hábitos alimentares foi investigado mediante questionário de freqüência de consumo de grupos de alimentos, analisado por meio de medida-resumo (escore alimentar. Embora a maior parte da população apresente bons hábitos alimentares, os resultados confirmaram grande diferença entre os sexos: cerca de 60% dos homens apresentaram escores maiores do que a média da população (51,2, comparados a 45% das mulheres. Além disso, foi possível verificar que os homens, principalmente os mais jovens, consomem maior quantidade de alimentos com gordura saturada, sal ou açúcar, quando comparados às mulheres. Os achados indicam que a qualidade da dieta junto a outros hábitos e comportamentos, como tabagismo e sedentarismo, devem fazer parte de programas de promoção da saúde no ambiente de trabalho, visando controlar as doenças cardiovasculares e outros agravos.In order to investigate the health conditions of current employees in a government-owned bank in the State of Rio de Janeiro, we performed a cross-sectional study in two departments where systematic sampling was applied. Among the health conditions, we focused on the employees' eating habit profile using a questionnaire on frequency of food group consumption analyzed through a summary measure (eating score. Although the majority of the study population display good eating habits, the results confirmed a major difference between genders. Some 60% of men had scores higher than the population mean (51.2, as compared to only 45% of women. In addition, we observed that men, and particularly younger men, consumed more foodstuffs that were rich in saturated fat, salt, and sugar as compared to women. The findings indicate that quality of

  17. Leptina e sua influência na patofisiologia de distúrbios alimentares Leptin and its influence in the pathophysiology of eating disorders

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Helen Hermana Miranda Hermsdorff

    2006-06-01

    Full Text Available A leptina é uma proteína secretada pelos adipócitos com papel regulador em vários sistemas do organismo, como sistema imune, respiratório e reprodutivo, bem como no balanço energético via ação hipotalâmica. Sua ação primária ocorre no núcleo hipotalâmico arqueado, no qual inicia uma cascata de eventos para inibição da ingestão energética e aumento do gasto energético. As concentrações de leptina são influenciadas pela adiposidade, fatores hormonais e nutricionais. A restrição e os episódios de compulsão alimentar, presentes na anorexia nervosa e bulimia, respectivamente, são considerados, na literatura científica, fatores determinantes na leptinemia. Seus níveis também alterados no tratamento desses distúrbios alimentares sugerem uma relação entre as alterações neuroendócrinas e conseqüentes modificações nos sinais de fome e saciedade, com a patogenia ou manutenção dos quadros clínicos. Trabalhos têm encontrado impacto dessas alterações na saúde dos pacientes, em curto e longo prazos. Esta revisão tem como objetivo esclarecer quais são as funções da leptina nos tecidos nervoso e periférico, quais os mecanismos que interferem na sua concentração nos distúrbios alimentares e como isso reflete na saúde do paciente anoréxico ou bulímico.Leptin, a protein secreted by adipocytes, has a regulatory function in several organism systems such as the immune, respiratory, and reproductive systems and in the energy balance via hypothalamic action. Its primary action occurs in the arcuate hypothalamic nucleus, where it begins a cascade of events that inhibits energy intake and enhances energy consumption. The concentration of leptin is influenced by adiposity and hormonal and nutritional factors. The scientific literature considers food restriction and binge episodes of anorexia nervosa and bulimia, respectively, as determining factors of leptin circulation. Leptin levels are also altered during the

  18. Práticas alimentares no primeiro ano de vida: representações sociais de mães adolescentes

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ana Paula Esmeraldo Lima

    2014-12-01

    Full Text Available Trata-se de pesquisa qualitativa exploratória, que buscou analisar as representações sociais de mães adolescentes sobre as práticas alimentares do filho no primeiro ano de vida. Teve como sujeitos 10 mães adolescentes, cujos filhos encontravam-se na faixa etária de sete a doze meses de vida. Os dados foram coletados por meio de entrevista semi-estruturada, além da utilização de material visual. A análise seguiu a técnica de análise de conteúdo, apoiando-se no referencial da Teoria das Representações Sociais. Dessa análise, emergiram quatro temas: conflito do amamentar versus consagração do mingau; estabelecendo a alimentação complementar do filho; discurso cristalizado: "danoninho vale mais que um bifinho"; a (indefinição dos hábitos alimentares maternos: implicações para a alimentação infantil. As representações que conduzem as práticas maternas na escolha, preparo e oferta dos alimentos seguem uma lógica particular, onde as adolescentes reinterpretam os discursos técnicos nos termos da sua cultura.

  19. Práticas indiscriminadas de dietas de emagrecimento e o desenvolvimento de transtornos alimentares The indiscriminate use of weight control diets and the development of eating disorders

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Silvana Souto

    2006-12-01

    Full Text Available OBJETIVO: Discutir a utilização indiscriminada de dietas para emagrecimento, considerando os diversos níveis de incentivo de práticas para a obtenção do peso corporal apregoado como ideal nos meios de comunicação. MÉTODOS: Foi adotada a abordagem metodológica qualitativa. A partir de narrativas de mulheres portadoras de transtornos alimentares, no Município de Fortaleza, CE, buscou-se identificar as motivações e os incentivos das práticas inadequadas de controle de peso, e compreender o significado dessas vivências para o aparecimento de transtornos alimentares. Foram realizadas sete entrevistas individuais, para analisar como o padrão psico-social - relacionado a peso e forma corporal vigente - interfere no imaginário das mulheres, influenciando-as na adoção de comportamentos alimentares anormais e de tais práticas inadequadas de controle de peso. RESULTADOS: Os discursos mostram história e/ou sensação de sobrepeso/obesidade, insatisfação corporal, prática de dietas que nem sempre foram supervisionadas por profissionais e medo mórbido de engordar. CONCLUSÃO: Os resultados deste estudo reforçam a necessidade de reflexão acerca da valorização desse ideal de beleza veiculado pela mídia e sua influência nas práticas alimentares, que pode levar à instalação de transtornos do comportamento alimentar.OBJECTIVE: This study discusses the indiscriminate use of weight control diets, taking into account the various levels of incentives for practices to reach the body weight proclaimed as ideal by the mass media. MÉTHODS: A qualitative methodological approach was adopted to identify the motives and incentives for inadequate weight control practices through the narratives of women with eating disorders in the Municipality of Fortaleza, Ceará, Brazil, to understand the meaning of these experiences in the emergence of eating disorders. Seven individual interviews were carried out, analysing how the current psycho

  20. Qualidade de vida, estado nutricional e consumo alimentar de mulheres com câncer de mama em tratamento quimioterápico

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Juliana Scheibler

    2016-11-01

    Full Text Available Objetivo: Avaliar a qualidade de vida, o estado nutricional e o consumo alimentar de mulheres diagnosticadas com câncer de mama em quimioterapia. Métodos: Estudo transversal e analítico envolvendo 70 mulheres, de 30 a 59 anos, em um hospital do Rio Grande do Sul, no período de maio a outubro de 2015. Aplicou-se o questionário European Organization for Research and Treatment of Câncer Quality of Life Questionnaire C30 (EORTC QLQ- C30. As variáveis antropométricas coletadas foram: peso atual, altura, circunferência braquial, circunferência da cintura, circunferência do quadril e prega cutânea tricipital. O consumo alimentar foi avaliado pelo recordatório alimentar de 24 horas. Resultados: Sobrepeso e obesidade foram encontrados respectivamente em 37,1% e 37% das mulheres de acordo com o índice de massa corporal. A média do consumo de calorias, carboidratos, lipídios, colesterol, fibras, cálcio e ferro foi significativamente inferior à recomendação, com destaque para nutrientes como fibras (91,4% dos casos, cálcio (87,7% dos casos e ferro (mais de 90% dos casos. No entanto, o consumo médio de proteínas (72,9% dos casos > 15% do VCT e vitamina C (mais de 50% dos casos foi superior ao recomendado. Conclusão: A qualidade de vida das mulheres com câncer de mama em quimioterapia foi considerada baixa e elas apresentaram uma elevada prevalência de sobrepeso e obesidade. Além disso, o consumo alimentar foi superior à recomendação para proteínas e vitamina C, e inferior para calorias, carboidratos, lipídios, colesterol, fibras, cálcio e ferro. Não foi observada associação significativa entre qualidade de vida e estado nutricional.

  1. Terapia cognitivo-comportamental dos transtornos alimentares Cognitive-behavioural therapy of eating disorders

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Mônica Duchesne

    2002-12-01

    Full Text Available A terapia cognitivo-comportamental é uma intervenção breve, semi-estruturada e orientada para metas, que tem sido amplamente utilizada nos centros de pesquisa e tratamento de transtornos alimentares. O presente artigo tem por objetivo descrever as principais estratégias cognitivas e comportamentais utilizadas no tratamento ambulatorial dos transtornos alimentares. Vários ensaios clínicos avaliaram a eficácia da terapia cognitivo-comportamental, indicando que ela favorece a remissão ou diminuição da freqüência de episódios de compulsão alimentar, dos comportamentos purgativos e da restrição alimentar. Tem sido relatada também melhora do humor, do funcionamento social, e diminuição da preocupação com peso e formato corporal.The cognitive-behavioural therapy is a brief, semi-structured and goal oriented intervention, which has been largely used in research and treatment centers specialized on eating disorders. The present article describes the main cognitive and behavioral strategies used in the outpatient treatment of eating disorders. Several clinical studies assessed the effectiveness of cognitive-behavioural therapy, indicating the remission or the reduction of the frequency of binge eating episodes, purgative behaviours and food restriction. Social and mood improvement, as well as reduction of weight and body shape concerns, have also been reported.

  2. Estado de Nutrição, Hábitos Alimentares e Dispêndio Energético em Crianças com Fibrose Quística

    OpenAIRE

    Guerra, Paula; Almeida, João; Rego, Carla; Nunes, Teresa; G. Vaz, Luisa; Silva, Diana; Lourenço, Susana; Ribeiro, Laura; M. Guerra, António J.

    2014-01-01

    O presente trabalho tem como objectivo avaliar o estado de nutrição, a composição corporal e a função respiratória de um grupo de crianças com fibrose quística sem evidência clínica ou laboratorial de infecção recente, assim como o de conhecer os seus hábitos alimentares e determinar o valor do dispêndio energético de repouso medido por calorimetria indirecta e o avaliado pelas equações de Schofield, da Organização Mundial de Saúde e de Fleish.População e métodos: a população é constituída po...

  3. O ambiente alimentar e o acesso a frutas e hortaliças: “Uma metrópole em perspectiva”

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Aline Cristine Souza Lopes

    Full Text Available Resumo Este trabalho objetivou explorar o ambiente alimentar de acordo com o acesso a frutas e hortaliças (FH, a partir da perspectiva de uma grande metrópole brasileira, referência internacional para políticas públicas de segurança alimentar e nutricional (SAN. Procedeu-se à revisão da literatura e de site oficial de divulgação das políticas de SAN e de planejamento urbano de Belo Horizonte (MG, além da construção de mapas. Os programas de SAN no município atendem a mais de um milhão de pessoas por dia, incluindo iniciativas de incentivo à produção de alimentos, defesa e promoção do consumo alimentar, comercialização subsidiada de alimentos e refeições, e capacitação em alimentação. Verificou-se no município a concentração de estabelecimentos comerciais de FH, incluindo aqueles com subsídios públicos (feiras-livres e sacolões públicos, na região mais rica da cidade, com acesso limitado na periferia e territórios de serviços de promoção da saúde (Programa Academia da Saúde. Entretanto, o aumento de unidades de sacolões públicos e privados, feiras-livres e supermercados poderia favorecer o acesso a alimentos saudáveis nos territórios mais vulneráveis. Estes dados revelam a importância do monitoramento das políticas públicas, pela sociedade civil e representantes do governo, visando reduzir as iniquidades e contribuir para melhoria da qualidade de vida e o bem-estar social da população, além de colaborar para sistemas alimentares sustentáveis. Sugere-se que políticas públicas de SAN dialoguem com outras políticas, como as de saúde, planejamento urbano, assistência social, agricultura, dentre outras, de forma a promover a equidade e atender intersetorialmente às necessidades de comunidades mais vulneráveis.

  4. Segurança alimentar e nutricional: uma análise da situação da descentralização de sua política pública nacional

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ana Beatriz Pinto de Almeida Vasconcellos

    2018-03-01

    Full Text Available O objetivo do trabalho foi analisar a situação da descentralização do Sistema Nacional de Segurança Alimentar e Nutricional (SISAN, criado no ano de 2006, pela Lei Orgânica da Segurança Alimentar e Nutricional (LOSAN. Com base nos critérios de adesão ao SISAN, contidos no Decreto nº 7.272 de 25 de agosto de 2010, foram analisados os dados das pesquisas de informações básicas, estaduais e municipais, do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística de 2014 - Estadic e Munic/2014. Os resultados identificam a incipiência do processo de descentralização no âmbito municipal, em contraposição à adesão de todos os estados da federação ao SISAN. Destaca a relevância da atuação do setor de assistência social na coordenação do SISAN nos âmbitos estadual e municipal, sendo que neste ultimo a presença da saúde como setor de coordenação se mostra expressiva. A análise das ações de segurança alimentar e nutricional desenvolvidas, baseando-se na origem de recursos federais, estaduais e municipais, mostra ainda que não há um acentuado papel indutor por parte do nível federal capaz de direcionar a expansão do SISAN. Mecanismos de financiamento e de atribuição de responsabilidades aos entes federativos mais efetivos aparecem como elementos relevantes para consolidar a base estadual e ampliar a base municipal, na busca de identidade e capilaridade para o SISAN.

  5. Ciencia y tecnología Colombo-Suiza ayuda a alimentar el planeta: de la revolución verde a la revolución microbiana

    OpenAIRE

    Alia Rodriguez; Ian Robert Sanders

    2016-01-01

    Por milenios los agricultores han mejorado sus cultivos utilizando la variación genética y seleccionando las mejores variedades. Hoy nos enfrentamos a un reto sin precedentes: alimentar la creciente población mundial. Así, aumentar los rendimientos de cultivos de importancia global, para la seguridad alimentaria, como la yuca, es crucial. Esta raíz tropical alimenta aproximadamente 1.000 millones de personas en alrededor de 105 países en el mundo y sus productos son la tercera fuente de calor...

  6. Agregação familiar e padrões alimentares na população brasileira

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fábia Albernaz Massarani

    2015-12-01

    Full Text Available Resumo Identificou-se padrões alimentares consumidos no Brasil e a agregação entre pai, mãe e filhos, utilizando o Inquérito Nacional de Alimentação, realizado em 2008/2009 em indivíduos acima de dez anos de idade. O consumo alimentar foi estimado pelo registro alimentar. Os padrões foram identificados por meio de análise fatorial e a agregação familiar dos mesmos foi verificada por regressão linear. Três principais padrões alimentares foram identificados: “lanche tradicional” (1: café, pães, óleos e gorduras, e queijos; “grande refeição tradicional” (2: arroz, feijão e outras leguminosas, e carnes; e “lanches do tipo fast food” (3: sanduíches, carnes processadas, refrigerantes, salgados e pizzas. As maiores associações ocorreram no padrão 2 (β = 0,37 a 0,64. Nos padrões 1 e 3 também foram encontradas associações positivas envolvendo todos os pares, com β variando de 0,27 a 0,44 e de 0,32 a 0,42, respectivamente. O presente estudo evidenciou agregação familiar de padrões de consumo alimentar na população brasileira.

  7. Hábito alimentar de Triatoma vitticeps no Estado do Rio de Janeiro, Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Gonçalves Teresa Cristina M

    2000-01-01

    Full Text Available OBJETIVO: O estudo do hábito alimentar dos triatomíneos tem contribuído para o conhecimento da sua biologia no habitat natural. Triatoma vitticeps, espécie que vem invadindo freqüentemente o domicílio apresentando-se infectado por T. cruzi, foi analisado sob esse aspecto, possibilitando conhecer a situação epidemiológica da área. MÉTODOS: De fevereiro de 1989 a abril de 1993, 122 espécimes de T. vitticeps foram capturados em duas áreas da localidade de Triunfo, 2° Distrito do Município de Santa Maria Madalena (RJ. Os insetos foram dissecados para a retirada do conteúdo estomacal. Os anti-soros utilizados foram: homem, vaca, cavalo, cão, porco, tatu, gambá, roedor e ave. RESULTADOS: Do total analisado, 79 estavam positivos e 43 negativos para os anti-soros testados: tatu (30,3% > homem e porco (13,1% > ave e cão (11,5% > cavalo (5,7% > gambá (4,9% > roedor (4,1% > boi (3,3%. As fontes alimentares identificadas variaram de 1 a 4 e 6: 0 - 25,41%; 1 - 45,08%; 2 - 10,66%; 3 - 6,56%; 4 - 1,64% e 6 - 0,82%. Quanto à infecção por T. cruzi, 74 espécimes (65,54% estavam positivos, 39 (34,51% negativos e 9 não foram examinados. CONCLUSÕES: Os resultados caracterizam o hábito silvestre de T. vitticeps e a tripanosomíase como uma enzootia. A vigilância epidemiológica se faz necessária para o acompanhamento do comportamento dessa espécie.

  8. Prática alimentar de adolescentes Adolescents feeding practices

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ana Maria Dianezi Gambardella

    1999-04-01

    Full Text Available Visando conhecer a prática alimentar de adolescentes, foi realizado inquérito alimentar com um grupo de 153 estudantes, de ambos os sexos, com idade média de 14,0 ± 1,5 anos, utilizando questionário auto-aplicado. Foi efetuada análise qualitativa das três principais refeições diárias, comparando-se com padrão estabelecido. Verificou-se que o desjejum foi consumido por 45% (44% meninos e 56% meninas, o almoço por 76% (36% meninos e 64% meninas e o jantar por 53% (40% meninos e 60% meninas. Observou-se que a constituição do jantar é basicamente, a mesma que a do almoço, notando-se porém a diminuição da ingestão de alimentos fonte de proteína e ferro, tais como a carne e o feijão, substituídos por alimentos fonte de proteína e cálcio (leite e derivados, o que remete a hipótese de que o lanche está tomando o lugar do jantar. O desjejum é a refeição mais negligenciada pelos adolescentes estudados. Faz-se necessário controlar a ingestão de alimentos entre as três refeições, pois esta poderá estar contribuindo de duas formas: favorecendo o consumo de nutrientes que poderiam estar deficientes ou, por outro lado, agravando quadros tais como obesidade entre outros.A study was carried out on a group of 153 students of both sexes, with an average age of 14.0 + 1.5 years, using a self-applied questionnaire, aiming to discover the feeding practices of adolescents. A qualitative analysis of the three main daily meals (breakfast, lunch and dinner in comparison with an established standard was made. It was found that 45% of the adolescents (44% boys and 56%, girls took breakfast. Lunch was taken by 76% of the adolescents (36% boys and 64% girls. With regard to dinner, taken by 53% (40% boys and 60% girls, it was found to be constituted, basically, of the same foodstuffs and/or preparations of their lunch, though with a reduction in food sources of protein and iron, such as meat and beans, replace by food sources of protein and

  9. Comportamento alimentar e imagem corporal entre estudantes de educação física Eating disorders and body image among physical education students

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria Lúcia Magalhães Bosi

    2008-01-01

    Full Text Available OBJETIVO: Caracterizar práticas alimentares e possíveis fatores de risco associados a transtornos do comportamento alimentar entre estudantes de Educação Física em uma universidade pública do município do Rio de Janeiro. MÉTODO: Estudo seccional, elegendo-se como população-alvo um segmento de risco para o surgimento de transtornos alimentares. Foram aplicados os questionários Bulimic Investigatory Test Edinburgh (BITE, Eating Attitudes Test (EAT-26, Body Shape Questionnaire (BSQ e uma variável que considera os dois instrumentos associados. RESULTADOS: Detectou-se resultado positivo em 6,9% (IC95%: 3,6-11,7% no EAT-26. No BITE, para sintomas elevados e gravidade intensa, foram encontradas prevalências de 5% (IC95%: 2,4-9,5% e 2,5% (IC95%: 0,7-6,3%, respectivamente. Constatou-se que 26,29% das estudantes apresentavam comportamento alimentar anormal. CONCLUSÃO: Os resultados deste estudo indicam que se deve atentar para comportamentos alimentares de risco nesse grupo, justificando-se um olhar diferenciado em relação a esses futuros educadores.OBJECTIVE: To characterize eating practices and possible risk factors associated with eating disorders among physical education students in a public university of the Municipality of Rio de Janeiro, Brazil. METHODS: Sectional study, electing as target population a risk group for the emergence of eating disorders. The questionnaires Bulimic Investigatory Test Edinburgh (BITE, Eating Attitudes Test (EAT-26, Body Shape Questionnaire (BSQ and a variety that considers related issues were applied. RESULTS: A positive result was detected in 6.9% of cases (IC95%: 3.6-11.7% on EAT-26. On BITE, for elevated symptoms and severe cases, a prevalence of 5% was found (IC95%: 2.4-9.5% and 2.5% (IC95%: 0.7-6.3%, respectively. It was evidenced that 26.29% of students presented abnormal eating behavior. CONCLUSION: The results of this study demonstrate the need to pay attention to risk eating behaviors in this

  10. Associação entre estado nutricional, hábitos alimentares e nível de atividade física em escolares

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Lorene G. Coelho

    2012-10-01

    Full Text Available OBJETIVO: Analisar a relação entre estado nutricional, hábitos alimentares e nível de atividade física em escolares. MÉTODOS: Realizou-se estudo transversal com 661 escolares de 6-14 anos de idade, matriculados nas escolas públicas e privadas da área urbana da cidade. Um questionário semiestruturado foi aplicado para coleta das variáveis demográficas, socioeconômicas, antropométricas e nível de atividade física. Os escolares foram classificados segundo critérios para índice de massa corporal por idade, percentual de gordura corporal e nível de atividade física, respectivamente. Os dados dietéticos foram obtidos por meio de questionário de frequência alimentar validado e específico para crianças e adolescentes, a partir do qual o consumo alimentar foi avaliado segundo o Recommended Foods Score adaptado, cuja finalidade é a avaliação da qualidade global da dieta com enfoque no consumo de alimentos saudáveis. RESULTADOS: Elevadas frequências de excesso de peso segundo índice de massa corporal por idade (20,1% e percentual de gordura corporal (22,8%, bem como inatividade física (80,3%, foram observadas entre os escolares. Baixas pontuações no escore de consumo foram encontradas para 77,2% dos escolares. Não foi observada associação significativa entre o excesso de peso e inatividade física ou consumo alimentar (p > 0,05. CONCLUSÃO: Os escolares apresentaram elevada frequência de excesso de peso, que de forma isolada não foi associada a alta inatividade física e baixa qualidade da dieta. Assim, mais estudos devem ser realizados para identificar outros fatores além dos descritos que possam estar influenciando a presença do excesso de peso nessa população.

  11. Hábitos e práticas alimentares em três localidades da cidade de São Paulo (Brasil Eating habits and practices in three localities within the city of São Paulo (Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Silvana Pedroso de Oliveira

    1998-06-01

    Full Text Available Este trabalho teve como objetivo principal o estudo do consumo alimentar em três localidades na cidade de São Paulo. Um inquérito alimentar foi realizado, nos meses de julho e agosto de 1993, junto a trinta e duas mulheres, apresentando características socioeconômicas distintas: 11 na Favela de São Remo (baixa renda, 11 na Vila Madalena (renda média e 10 no Parque Continental (renda alta. Utilizou-se o método recordatório de 24 horas e o de freqüência alimentar, além de questões abertas sobre hábitos, práticas e estratégias alimentares. Observou-se semelhanças entre os grupos estudados, como por exemplo, o aumento do consumo de alimentos industrializados, o supermercado como principal local de compra de alimentos, a importância dada à carne, às frutas e aos legumes, a preferência por alimentos frescos em relação aos industrializados, as substituições ligadas à evolução dos preços dos alimentos e/ou preocupações com a saúde. Por outro lado, prevaleceu a diferenciação do consumo em função das condições socioeconômicas das famílias, verificada pela maior diversificação alimentar com a elevação da renda, com diferenças significativas (pThe principal objective of this study was an assessment of food consumption in three localities within the city of São Paulo. A food inquiry was undertaken in the months of July and August, 1993, involving thirty-two women who presented distinct socio-economic characteristics: eleven from São Remo shanty-town (low income, eleven from Vila Madalena (medium income and ten from Parque Continental (high income.The 24-hour recall and the eating frequency methods were used, as well as open questions about eating habits, practices and strategies. Similarities were observed among the groups studied: for example, the increase in the consumption of industrialized food-stuffs, the supermarket as the principal shopping place, the importance given to meat, fruits and vegetables in the

  12. Ecologia alimentar e conectividade genética de Chaetodon Striatus em um gradiente geográfico

    OpenAIRE

    Liedke, Ana Maria Rubini

    2013-01-01

    Resumo: Conhecer a ecologia alimentar de uma espécie é um aspecto importante para compreender sua biologia. A relação entre disponibilidade, qualidade do alimento e estado fisiológico reflete na distribuição e abundância de uma dada espécie, e terá influência direta no comportamento alimentar e tipo de presas. A relação entre plasticidade alimentar e fluxo gênico pode levar as populações das extremidades da distribuição a se diferenciarem e possivelmente se adaptarem aos recursos disponíveis....

  13. Jejum alimentar e qualidade da carne de frango de corte tipo caipira

    OpenAIRE

    OLIVEIRA,Felipe Rosa; BOARI,Cleube Andrade; PIRES,Aldrin Vieira; MOGNATO,João Carlos; CARVALHO,Rúbio Madureira de Souza; SANTOS JÚNIOR,Marco Aurélio; MATTIOLI,Cristiano Campos

    2015-01-01

    ResumoObjetivou-se avaliar as características de qualidade da carne de frango de corte tipo caipira em diferentes tempos de jejum alimentar. Aves, machos, da linhagem “pesadão vermelho”, criadas até 85 dias de idade em sistema semiextensivo, foram submetidas aos tempos de zero, três, seis, nove e 12 horas de jejum alimentar. Obteve-se o peso vivo, peso da carcaça, o rendimento de carcaça fria, o peso do trato gastrintestinal das aves. Foram avaliados o pH24h, a luminosidade (L*), ...

  14. CONSUMO ALIMENTAR E ATIVIDADE FÍSICA DE ESTUDANTES UNIVERSITÁRIOS DA ÁREA DE SAÚDE

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Claudia Soar

    2012-06-01

    Full Text Available O estilo de vida de universitários pode contribuir para o aparecimento de doenças crônicas não transmissíveis. Hábitos alimentares não saudáveis e reduzida prática de atividade física durante o período da graduação frequentemente se mantêm após a formação universitária. O objetivo deste estudo foi analisar características da alimentação e da atividade física em universitários de uma instituição privada. Estudo transversal realizado por meio de entrevista sobre estilo de vida. Observou-se maior valor médio do índice de massa corporal e maior prevalência de sobrepeso no gênero masculino (p<0,05. Identificou-se que 64% da amostra não realizavam atividade física regular e que 70% entendiam conhecer a própria necessidade energética, contudo, somente 39% tinham o conhecimento correto sobre sua necessidade de consumo de energia. Conclui-se que a adequada caracterização do consumo alimentar e da prática de atividade física podem contribuir como ferramentas de auxílio na promoção de saúde desse grupo, pois servirão de base para elaboração de educação em saúde no meio universitário.

  15. Alergias e intolerâncias alimentares : leite e trigo alimentos complexos?

    OpenAIRE

    Branquinho, Vanessa Sofia Ferreira

    2016-01-01

    Monografia realizada no âmbito da unidade de Estágio Curricular do Mestrado Integrado em Ciências Farmacêuticas, apresentada à Faculdade de Farmácia da Universidade de Coimbra As alergias e intolerâncias alimentares têm vindo a afetar cada vez mais um elevado número de pessoas. O trigo e o leite são alimentos que figuram na alimentação diária de grande parte da população, sendo também os alimentos mais associados às alergias e intolerâncias alimentares. O leite poderá desencadear reações a...

  16. Consumo de aditivos alimentares e efeitos à saúde: desafios para a saúde pública brasileira Food additive intake and health effects: public health challenges in Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria Lúcia Teixeira Polônio

    2009-08-01

    Full Text Available Este estudo visa a contextualizar por meio de uma revisão sistemática da literatura, os riscos acarretados pelo consumo de aditivos alimentares. Em relação aos resultados dos estudos associando o consumo de aditivos ao aparecimento do câncer, os efeitos adversos à saúde foram observados principalmente nos estudos em que a Ingestão Diária Aceitável (IDA foi excedida. Também apontou uma carência de pesquisas sobre o transtorno do déficit de atenção e hiperatividade. Já em relação à hipersensibilidade não específica, o número de estudos foi significativo e os resultados mais consistentes quanto às manifestações clínicas de rinite, urticária e angioedema provocadas pelos aditivos, em particular pelos os corantes artificiais. As crianças aparecem como grupo vulnerável, em razão do consumo potencial de alimentos com aditivos alimentares, particularmente corantes artificiais. Os resultados indicam que estudos de consumo de aditivos alimentares deveriam servir de base para a elaboração de estratégias de vigilância alimentar e nutricional, com a finalidade de promover hábitos alimentares saudáveis.This study uses a systematic literature review to contextualize the risks associated with food additive intake. Studies comparing food additive intake and cancer showed that adverse health effects appeared when Acceptable Daily Intake (ADI was exceeded. The review also detected a lack of studies on attention deficit-hyperactivity disorder. There were more studies on non-specific hypersensitivity, highlighting such clinical manifestations as rhinitis, urticaria, and angioedema, all associated with food additives, particularly artificial colorants. Children are a vulnerable group as potential consumers of food additives, particularly artificial colorants. Studies on food additive intake should provide the basis for effective food and nutritional surveillance strategies, aiming to promote healthy eating habits.

  17. Desnutrição perinatal e o controle hipotalâmico do comportamento alimentar e do metabolismo do músculo esquelético

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Adriano Bento-Santos

    2012-06-01

    Full Text Available A deficiência de nutrientes durante os períodos críticos do desenvolvimento tem sido associada com maior risco para desenvolver obesidade e diabetes Mellitus na vida adulta. Um dos mecanismos propostos refere-se à regulação do comportamento alimentar e às alterações do metabolismo energético do músculo esquelético. Recentemente, tem sido proposta a existência de uma comunicação entre o hipotálamo e o músculo esquelético a partir de sinais autonômicos que podem explicar as repercussões da desnutrição perinatal. Assim, esta revisão tem como objetivo discutir as repercussões da desnutrição perinatal sobre o comportamento alimentar e o metabolismo energético muscular e a comunicação existente entre o hipotálamo e o músculo via sinais adrenérgicos. Foram utilizadas as bases de dados MedLine/PubMed, Lilacs e Bireme, com publicações entre 2000 e 2011. Os termos de indexação utilizados foram: feeding behavior, energy metabolism, protein malnutrition, developmental plasticity, skeletal muscle e autonomic nervous system. Concluiu-se que a desnutrição perinatal pode atuar no controle hipotalâmico do comportamento alimentar e no metabolismo energético muscular, e a comunicação hipotálamo-músculo pode favorecer o desenvolvimento de obesidade e comorbidades durante o desenvolvimento.

  18. Processamento e caracterização físico-química de néctar goiaba-tomate

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rodrigo Leite Moura

    2014-08-01

    Full Text Available A formulação de blends está cada vez mais incrementada e inovadora, buscando o equilíbrio na junção de fatores que tenham como objetivo proporcionar o enriquecimento nutricional e funcional, sem deixar de lado o aspecto sensorial do produto. Este trabalho teve como objetivo elaborar néctares mistos de goiaba e tomate em diferentes concentrações e avaliar a caracterização físico-química destas formulações. Foram determinadas a acidez total titulável (ATT, pH, teor de água, atividade de água (Aw, cinzas, sólidos solúveis (ºBrix, açúcares redutores, totais e não-redutores, e os parâmetros instrumentais de cor para luminosidade (L*, intensidade de vermelho (+a* e intensidade de amarelo (+b*. Os néctares de goiaba e tomate apresentaram elevador teor de água e altos valores de Aw, com pH dentro da faixa ácida (≤ 4,5. A formulação destes néctares resultou em amostras com cores mais claras, na medida em que se aumentou a concentração de polpa de goiaba. A elevação da proporção desta polpa influenciou o pH, o percentual de cinzas, o teor de água e a Aw. De acordo com a legislação vigente os parâmetros de ºBrix, acidez, açúcares totais atenderam aos padrões mínimos exigidos. Ressalta-se que os valores médios de pH e acidez, favorecem a conservação destas bebidas, não havendo necessidade da adição de ácido cítrico, para inibir a proliferação de leveduras, contribuindo para garantir a segurança alimentar.

  19. Comportamentos de risco para os transtornos alimentares e traços perfeccionistas em atletas de atletismo

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Leonardo de Sousa Fortes

    Full Text Available Resumo O objetivo do estudo foi analisar a influência do perfeccionismo nos comportamentos de risco para os transtornos alimentares de atletas adolescentes do sexo feminino da modalidade atletismo. Fizeram parte do estudo 52 atletas da modalidade de atletismo de clubes da cidade de São Paulo/SP com idade entre 12 e 17 anos. Utilizaram-se as subescalas do Eating Attitudes Test (EAT-26 e a Multidimensional Perfectionism Scale (MPS para avaliar os comportamentos de risco para os transtornos alimentares e os traços perfeccionistas, respectivamente. Conduziu-se a regressão linear múltipla stepwise para analisar a influência dos perfeccionismo nos comportamentos de risco para os transtornos alimentares. Os resultados indicaram influência da MPS nos escores das subescalas Dieta (F(1, 44 = 5,74; p = 0,05 e Autocontrole Oral (F(1, 44 = 6,13; p = 0,04 do EAT-26. No entanto, não foi evidenciado impacto da MPS nos escores da subescala Bulimia e Preocupação com 0 Alimenta (F(1, 44 = 1,26; p = 0,22. Assim, em razão da investigação apresentar delineamento transversal, pressupõe-se que as atletas de atletismo com traços perfeccionistas podem estar mais susceptíveis para a restrição alimentar e a influência ambiental para a ingesta alimentar.

  20. Fontes alimentares de Triatoma pseudomaculata no Estado do Ceará, Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Simone Patrícia Carneiro Freitas

    2005-01-01

    Full Text Available OBJETIVO: Triatoma pseudomaculata, espécie peridomiciliar, é encontrada apresentando baixa taxa de infecção por Trypanosoma cruzi. Com o objetivo de identificar os possíveis reservatórios de T. cruzi, investigou-se a ocorrência desse triatomíneo no domicílio, bem como suas fontes alimentares. MÉTODOS: De janeiro de 2001 a julho de 2002 foram capturados 921 espécimes de T. pseudomaculata em 13 municípios do sul do Estado do Ceará. O conteúdo intestinal dos triatomíneos foi retirado, espalhado em disco de papel de filtro e analisado por precipitina para os seguintes anti-soros: ave, roedor, cão, gambá, lagarto, boi/cabra, gato, porco, barata e humano. A investigação da presença de T. cruzi foi feita observando-se parte do conteúdo intestinal dos insetos a fresco, entre lâmina e lamínula, e pela sua semeadura em meio de cultura. RESULTADOS: Do total examinado, 184 (90,6% foram positivos para os anti-soros testados: ave (62,5%> roedor (33,7%> cão (20,1%> gambá (9,8%> lagarto (5%> boi-cabra (5%> gato (2,7%> porco (2,2%> barata (2,2%> humano (1,6%. As alimentações variaram de zero (não reagiram a quatro da seguinte forma: não reagiram (9,4%, uma (57,1%, duas (26%, três (7% ou quatro (0,5%. Das fontes alimentares identificadas apenas três espécimes (1,6% foram positivos para T. cruzi. CONCLUSÕES: A baixa incidência de sangue humano mostra que T. pseudomaculata está bem adaptado ao peridomicílio. Porém, a vigilância epidemiológica na região sul do Estado do Ceará se faz necessária tendo em vista a proximidade da espécie ao domicílio.

  1. Alteração no comportamento alimentar de trabalhadores de turnos de um frigorífico do sul do Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Elisângela da Silva de Freitas

    2015-08-01

    Full Text Available ResumoInvestigou-se a relação entre trabalho em turnos e o comportamento alimentar dos trabalhadores de um frigorífico do sul do Brasil. Estudo transversal com 1.206 trabalhadores, entre 18 e 50 anos, de ambos os sexos. Um questionário padronizado foi utilizado para as informações demográficas, socioeconômicas, turno de trabalho e hábitos alimentares. O turno de trabalho foi categorizado em diurno e noturno, com base nos horários de início e fim do turno. O comportamento alimentar dos trabalhadores foi avaliado da seguinte forma: número e tipo de refeições realizadas nas 24 horas de um dia habitual, inadequação dos horários dessas refeições e escore alimentar de risco. Este foi construído com base na classificação de risco do consumo semanal de 13 itens alimentares. Após o ajuste para possíveis fatores de confusão, os trabalhadores do sexo masculino, de cor de pele não branca e mais jovens tiveram maior probabilidade de apresentar comportamento alimentar de risco. Trabalhadores noturnos realizavam maior número de refeições/dia e apresentaram maior inadequação nos horários das refeições do que os diurnos. O turno de trabalho noturno pode influenciar negativamente no comportamento alimentar de trabalhadores desse período.

  2. Consumo alimentar e fatores dieteticos envolvidos no processo saude e doenca de Nikkeis: revisao sistematica

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fabiana Hitomi Tanabe

    2013-06-01

    Full Text Available OBJETIVO: Analisar consumo alimentar e fatores dietéticos envolvidos no processo saúde e doença da população de nikkeis. MÉTODOS: Foi realizada revisão sistemática da literatura, com buscas nas bases de dados do Lilacs, SciELO e PubMed/Medline, referente ao período de 1997 a 2012, de estudos observacionais sobre o consumo alimentar de nikkeis. Inicialmente, foram analisados 137 títulos e resumos, sendo excluídos estudos de intervenção, aqueles que apresentavam somente níveis séricos de vitaminas e metabólitos e estudos que não contemplassem o objetivo da revisão. Desses, foram selecionados 38 estudos avaliados com base no método de Downs & Black (1998, adaptado para estudos observacionais, permanecendo 33 para análise. RESULTADOS: Foram encontrados poucos estudos sobre consumo alimentar de nikkeis fora do Havaí, dos Estados Unidos e do estado de São Paulo (principalmente em Bauru, no Brasil. Houve elevada contribuição dos lipídios no valor calórico total dos nipo-brasileiros, em detrimento dos carboidratos e das proteínas. Nos Estados Unidos, a prevalência de consumo de alimentos de alta densidade energética foi elevada em nipo-americanos. Os nisseis (filhos de imigrantes apresentaram, em média, maior consumo de produtos da dieta japonesa, enquanto os sanseis (netos de imigrantes apresentaram um perfil alimentar mais ocidentalizado. CONCLUSÕES: O consumo alimentar de nikkeis, embora ainda conservando alguns hábitos alimentares de japoneses nativos, revela alta prevalência de consumo de alimentos típicos do padrão ocidental (alimentos processados, ricos em gorduras e sódio e pobres em fibras, que pode estar contribuindo para o aumento de doenças crônicas nessa população.

  3. Aspectos das práticas alimentares e da atividade física como determinantes do crescimento do sobrepeso/obesidade no Brasil Dietary and physical activity factors as determinants of the increase in overweight/obesity in Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cristina Pinheiro Mendonça

    2004-06-01

    Full Text Available Os dados acerca do sobrepeso/obesidade na população brasileira demonstram um crescimento na sua prevalência entre as décadas de 70 e 90. Os dois aspectos mais apresentados como relacionados a este quadro têm sido mudanças no consumo alimentar, com aumento do fornecimento de energia pela dieta e redução da atividade física, configurando um "estilo de vida ocidental contemporâneo". Este artigo tem por objetivo identificar e avaliar alguns indicadores que se correlacionam com mudanças nas práticas alimentares e de atividade física na população brasileira nos últimos trinta anos. Apesar da carência de dados detalhados, os fatores que podem estar contribuindo para o quadro em tela incluem: migração interna; alimentação fora de casa; crescimento na oferta de refeições rápidas; mudanças no trabalho; meios de deslocamento; e equipamentos domésticos. Faltam informações mais detalhadas sobre as práticas alimentares e o padrão de atividade física no Brasil, em associação a dados antropométricos, para uma melhor explicação dessa relação. Há necessidade de projetos e programas intersetoriais que tenham metas bem definidas e que garantam a adesão da população a um estilo de vida saudável na perspectiva do controle do crescimento da prevalência do sobrepeso/obesidade no país.Data from Brazilian national surveys conducted since the 1970s have indicated an increase in the prevalence of overweight/obesity. The two most frequently cited causes of this trend have been dietary changes and reduction in physical activity, characterizing a "contemporary Western lifestyle". The objective of this paper is to identify and assess some indicators associated with changes in eating habits and physical activity patterns in the Brazilian population in the last 30 years. Despite the lack of detailed data, the following factors appear to play an important role in the process: internal migration; dining out; increased consumption of

  4. Padrão alimentar de mulheres com câncer de mama: um estudo a posteriori

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Karin Sedó Sarkis

    2014-09-01

    Full Text Available Objetivo: Identificar o padrão alimentar a posteriori de mulheres com câncer de mama. Métodos: Estudo observacional, transversal e analítico. Foram avaliadas 100 mulheres com câncer de mama submetidas à quimioterapia / radioterapia, atendidas em um centro de câncer na cidade de Fortaleza, de Julho-Dezembro de 2012. Os dados clínicos, socioeconômicos e antropométricos foram analisados. Para avaliação do consumo foi utilizado um QFA validado, e o consumo diário de cada alimento foi definido em gramas. Então eles foram agrupados de acordo com sua composição nutricional, seguindo a pirâmide alimentar adaptada à população brasileira, em 10 grupos de alimentos. Resultados: Idade média 50,9 anos, com prevalência de carcinoma ductal (83% em estágio III (60%. A média do IMC indica excesso de peso (28,3 kg/m2 e a circunferência da cintura estava acima do recomendado (98,6 cm. Nós identificamos quatro componentes alimentares e 21% da variância da dieta foi explicado pelo componente alimentar 1 (Risk, com a matriz composta por carne vermelha e processada, óleos e gorduras e cereais. Conclusão: O padrão alimentar das pacientes foi caracterizado por uma dieta de risco.

  5. Fatores associados a sintomas de transtornos alimentares entre escolares da rede pública da cidade do Salvador, Bahia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Thaisy Cristina Honorato Santos Alves

    2012-01-01

    Full Text Available OBJETIVO: Identificar prevalência e fatores associados aos sintomas de transtornos alimentares entre escolares. MÉTODOS: Estudo transversal envolvendo 365 escolares, de 7 a 14 anos de idade, do ensino fundamental de Salvador/BA. Aplicou-se nos escolares 13 anos de idade, o Teste de Atitudes Alimentares-26, o Teste de Investigação Bulímica de Edinburgh e o Teste de Imagem Corporal. O Child Behavior Checklist foi aplicado para todos os escolares. Coletaram-se dados antropométricos e alimentares, sobre estilo de vida, demográficos, socioeconômicos e puberais. Na análise estatística utilizou-se regressão de Poisson. RESULTADOS: Sintomas de transtornos alimentares estavam presentes em 23% dos escolares. Idade (RP: 1,25; IC95%: 1,11-1,40, insatisfação com imagem corporal (RP: 4,23; IC95%: 2,53-7,08, problema de comportamento de internalização (RP: 1,78; IC95%: 1,11-2,85, substituição das refeições por consumo de balas (RP: 2,14; IC95%: 1,24-3,69, maior consumo de frutas e outros vegetais (RP: 2,49; IC95%: 1,55-3,99 e escolaridade materna de 5ª a 8ª série (RP: 1,95; IC95%: 1,06-3,58 associaram-se ao aumento da ocorrência dos sintomas de transtornos alimentares. CONCLUSÃO: Observou-se alta prevalência de sintomas de transtornos alimentares entre os escolares; fatores sociodemográficos e comportamentais estavam associados ao evento.

  6. Interventions to reduce household food insecurity: a synthesis of current concepts and approaches for Latin America Intervenções para reduzir a insegurança alimentar: uma síntese dos atuais conceitos e abordagens para a América Latina

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Donald Diego Rose

    2008-08-01

    acordo com contextos específicos, lições valiosas para o êxito das intervenções podem ser aprendidas das experiências dos países de baixa e de alta renda. Este artigo descreve a segurança alimentar nos diferentes contextos nacionais. Os elementos básicos de segurança alimentar, incluindo a disponibilidade de alimentos, o acesso e a utilização são revisados, assim como os desenvolvimentos mais recentes na área, incluindo análises de subsistência, vulnerabilidade e estratégias de gestão de risco. É apresentada uma seleção das intervenções do sector público de segurança alimentar, que se destinam a melhorar a produção agrícola, a aumentar o nível de emprego e da renda familiar, ao desenvolvimento do capital humano e à distribuição de alimentos. Experiências internacionais recentes são utilizadas com o intuito de desenvolver temas para orientação desses tipos de intervenções de segurança alimentar na América Latina. Dentre as quais, se inclui: a importância de que os projetos de auxílio estejam em sinergia com o desenvolvimento em longo prazo, a adaptação das intervenções às necessidades dos contextos específicos e a expansão dos sistemas de informação para apoiar estas atividades. O artigo também descreve a necessidade de melhorar a segurança alimentar sem levar a um excesso de consumo, um problema cada vez mais preocupante, tanto na América Latina como em outros lugares. Finalmente, o desenvolvimento das capacidades locais a partir de ações comunitárias participativas é sugerido, como um meio para melhorar os resultados dos programas assim como assegurar os direitos humanos.

  7. Mídia e subjetividade: impacto no comportamento alimentar feminino Media and subjectivity: impact on female feeding behavior

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Angela Andrade

    2003-01-01

    Full Text Available Este ensaio analisa alguns dos subprodutos do processo de globalização, tais como a massificação e a importação de modelos culturais hegemônicos, os quais destituem o homem do sentimento de pertença a grupos humanos e invadem seu universo simbólico, expropriando o centro de referência cultural balizador do psiquismo humano. Nessa fratura desalojadora de significação humana e que se sustentam algumas doenças modernas e emergentes, como os Transtornos do Comportamento Alimentar, problemática que se expressa no campo da Saúde Pública como uma epidemia silenciosa e simbólica, nesta virada de milênio.This essay analyzes some of the by-products of the process of globalization, such as the massification and the importation of hegemonic cultural models, which strip man of the feeling of belonging to human groups and invade his symbolic universe. This condition expropriates the cultural point of reference that forms the basis and structures the human psyche, causing generalized distress. This fracture dislocates the human identity and sustains some modern and emerging diseases, such as feeding behavior disorders. This problem is expressed in the area of Public Health as a silent and symbolic epidemic at the turn of the millennium.

  8. Comportamento alimentar em mulheres portadoras de diabetes tipo 2 Eating behavior among type 2 diabetes women

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Denise Siqueira Péres

    2006-04-01

    Full Text Available OBJETIVO: Conhecer os pensamentos, sentimentos e comportamentos em relação à dieta de mulheres portadoras de diabetes tipo 2. MÉTODOS: Trata-se de um estudo descritivo exploratório, de natureza qualitativa. Foram entrevistadas oito mulheres portadoras de diabetes tipo 2 em uma Unidade Básica de Saúde do município de Ribeirão Preto, SP, em janeiro de 2003. Foi utilizada entrevista semi-estruturada para a coleta dos dados. O referencial teórico adotado foi a teoria das representações sociais. Os registros audiogravados e transcritos foram submetidos à análise temática de conteúdo. RESULTADOS: Os resultados evidenciaram dificuldade no seguimento da dieta prescrita, em função dos diversos significados associados, tais como a perda do prazer de comer e beber, da autonomia e da liberdade para se alimentar. Assim, seguir a dieta adquire caráter extremamente aversivo e cerceador, tendo representação de que realizá-la traz prejuízos à saúde. A freqüente ausência de sintomas foi citada como um dos aspectos que dificultam o seguimento da dieta. Outra dificuldade foi tocar, olhar e manipular os alimentos durante o seu preparo e não poder ingeri-los. Os alimentos doces despontaram como algo extremamente desejado. Transgressão e desejo alimentar estão igualmente presentes na vida das pessoas entrevistadas. Seguir o padrão dietético recomendado elicia tristeza, e o ato de comer, muitas vezes, vem acompanhado de medo, culpa e revolta. CONCLUSÕES: O comportamento alimentar da mulher portadora de diabetes tipo 2 é bastante complexo e precisa ser compreendido à luz dos aspectos psicológicos, biológicos, sociais, culturais, psicológicos e econômicos para maior eficácia das intervenções educativas.OBJECTIVE: To explore type 2 diabetes women's thoughts, feelings and behaviors concerning diet. METHODS: A descriptive, exploratory qualitative study was carried out among eight type 2 diabetes women from a primary health care unit

  9. Desempenho alimentar e sobrevivência de Euschistus heros parasitado por Hexacladia smithii em sementes de soja

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Nunes Maria Clarice

    2002-01-01

    Full Text Available Avaliou-se, em laboratório, a influência do parasitóide Hexacladia smithii Ashmead (Hymenoptera: Encyrtidae na atividade alimentar e sobrevivência de Euschistus heros (Fabricius (Hemiptera: Pentatomidae, aos 10, 20, 30 e 40 dias após o início do parasitismo. A atividade alimentar foi avaliada pelo número de bainhas constatadas nas sementes de soja, Glycine max (L. Merrill (Fabaceae, em 48 horas de alimentação. O teste foi mantido sob condições controladas de temperatura (25±2°C, umidade (65±10% e fotoperíodo (14L:10E. No início do desenvolvimento de H. smithii a atividade alimentar dos percevejos não-parasitados e parasitados foi semelhante, obtendo-se, entretanto, duas vezes mais bainhas alimentares depositadas/grão pelos machos e fêmeas, após 30 dias de parasitismo. A sobrevivência dos percevejos parasitados foi menor que a dos percevejos não-parasitados, alcançando 100% de mortalidade 40 a 50 dias após o início do parasitismo. A redução na sobrevivência dos percevejos parasitados por H. smithii e a atividade alimentar, semelhante a dos percevejos não-parasitados durante quase todo o período de desenvolvimento do parasitóide, destacam a contribuição desse parasitismo na redução da população do percevejo-marrom E. heros.

  10. Fobia alimentar associada a magreza: um diagnóstico diferencial com anorexia nervosa Low weight associated with food phobia: a differential diagnosis with anorexia nervosa

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Vera Garcia da Silva

    2009-01-01

    Full Text Available A fobia alimentar (FA ou fagofobia é um transtorno caracterizado pelo medo condicionado e excessivo de comer e engolir, muitas vezes precipitado por um evento de vômito ou engasgo. Existem poucos casos de FA descritos na literatura científica, o que dificulta a definição da sua prevalência. Apesar disso, a fagofobia apresenta importância clínica em função do risco de complicações clínicas e da possibilidade de erro diagnóstico por confusão com outras condições que acarretem restrição alimentar, como a anorexia nervosa. O objetivo deste artigo é apresentar um caso de FA e discutir a psicopatologia desse transtorno, as dificuldades diagnósticas e recomendações terapêuticas, tendo como base a evolução clínica do caso e as evidências científicas atuais.Food phobia (FP or phagophobia is a disorder characterized by an excessive conditioned fear of eating and swallowing, many times precipitated by vomiting or choking. There are few reports of FP on scientific literature, so it's difficult to know its prevalence. Despite of that, it presents clinical relevance because of the risk of clinical complications and misdiagnosis possibility by confusion with other conditions that carries food restraint, like anorexia nervosa. The objective of this article is to present a FP clinical case and to discuss the psychopathology, diagnostic difficulties and recommended therapeutics, based on clinical evolution of the case and recent scientific evidences.

  11. Perfil e situação de insegurança alimentar dos usuários dos Restaurantes Populares no Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Kátia Cruz Godoy

    2014-06-01

    Full Text Available O objetivo foi identificar o perfil dos usuários do programa Restaurantes Populares e suas associações com a situação de insegurança alimentar domiciliar. Trata-se de estudo transversal com amostra aleatória de 1.637 usuários. Foi utilizado um questionário com variáveis socioeconômicas, a Escala Brasileira de Insegurança Alimentar e aferidos peso e altura. Foram aplicados o teste de qui- quadrado, cálculo das razões de prevalência (RP bruta e ajustada, utilizando-se o modelo de regressão de Poisson. Foram prevalentes a faixa de renda per capita entre ½ e 1 salário mínimo (35,1%, o Ensino Médio completo (39,8% e a segurança alimentar (59,4%. Os usuários da Região Norte apresentaram os piores dados: Ensino Fundamental incompleto (39,8%, faixa de renda per capita de até ½ salário mínimo (50,8% e insegurança alimentar (55,5%. Houve maior RP de insegurança alimentar entre os usuários que apresentaram renda per capita de até ¼ do salário mínimo (p < 0,05. Apenas renda manteve-se associada à maior prevalência de insegurança alimentar na RP ajustada. As características dos usuários em insegurança alimentar podem orientar a melhoria desta ação, os critérios de localização e funcionamento do Programa Restaurantes Populares.

  12. A produção científica em Segurança Alimentar e Nutricional nos periódicos Latino-Americanos da base de dados SciELO

    OpenAIRE

    Gomes, Rogério

    2015-01-01

    Trabalho de Conclusão de Curso apresentado ao Instituto Latino-Americano de Economia, Sociedade e Política da Universidade Federal da Integração Latino-Americana, como requisito parcial à obtenção do título de Bacharel em Desenvolvimento Rural e Segurança Alimentar. Orientadora: Profa. Dra. Érika Marafon Rodrigues Ciacchi. Co-orientadora: Profa. Dra. Silvia Aparecida Zimmermman. O objetivo da pesquisa foi analisar trabalhos publicados nos países da América Latina que compõe o conjunto ...

  13. Programa Bolsa Família e segurança alimentar e nutricional no Brasil: revisão crítica da literatura The Bolsa Família cash transfer program and food and nutrition security in Brazil: a critical review of the literature

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rosângela Minardi Mitre Cotta

    2013-01-01

    Full Text Available OBJETIVO: Revisar criticamente os estudos que avaliaram os impactos do Programa Bolsa Família (PBF na promoção da segurança alimentar e nutricional no Brasil. MÉTODOS: Foram consultadas as bases de dados Biblioteca Cochrane, LILACS, Medline e SciELO, bem como os portais de organizações públicas. Foram selecionados os estudos que utilizaram dados primários e excluídos estudos baseados em dados secundários, artigos de revisão, estudos que não permitiram estabelecer uma associação entre PBF e segurança alimentar e nutricional, bem como os estudos que avaliaram a segurança do alimento no que se refere apenas à qualidade sanitária. RESULTADOS Foram selecionados 10 estudos, dos quais cinco concluíram que o PBF teve um impacto positivo na segurança alimentar e nutricional das famílias beneficiárias. Entretanto, três estudos constataram um aumento do consumo de alimentos de maior densidade calórica e baixo valor nutritivo. Essa mudança no hábito alimentar é um fator de risco para o desenvolvimento do sobrepeso, obesidade e das doenças crônicas não transmissíveis. CONCLUSÕES: A garantia de segurança alimentar e nutricional exige programas que contemplem tanto o combate à desnutrição quanto ao sobrepeso e à obesidade. Programas de distribuição de renda, como o PBF, podem contribuir mais efetivamente para o bem-estar nutricional dos beneficiários quando combinados com outros tipos de intervenções, como ações de promoção de alimentação saudável.OBJECTIVE: To critically review studies evaluating the impact of Bolsa Família (PBF, a federal cash transfer program, for food and nutrition security in Brazil. METHODS: The Cochrane Library, LILACS, Medline and SciELO databases were searched, as well as public organization websites. All studies based on primary data were selected. The following were excluded: studies using secondary data, review articles, studies that did now allow the establishment of associations

  14. Alimentação como fator de risco para câncer de intestino em universitários

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Liliane Almeida

    2017-03-01

    Full Text Available Objetivo: Analisar a qualidade da alimentação de universitários como fator de risco para câncer de intestino. Métodos: Estudo transversal com 100 universitários do curso de Gastronomia de uma instituição de ensino privada em Montes Claros, Minas Gerais. Aferiu-se o índice de massa corporal (IMC. Coletaram-se o comportamento alimentar, prática de atividade física e a frequência alimentar. Utilizou-se a análise descritiva. Resultados: A partir dos resultados, verificou-se que 46% (n=46 dos estudantes estavam com a massa corporal elevada, ou seja, IMC ≥ 25 kg/m2 (sobrepeso e obesidade. A análise dos hábitos alimentares demonstrou mudança de peso corporal em 44% dos entrevistados, destes 25% apresentou ganho de massa corporal. Dentre os entrevistados, 41% alegou consumir embutidos, pizzas e fast foods dentre outros, e 57% relatou consumir alimentos industrializados de 1 a 3 vezes por semana. Os alimentos ricos em açúcar (café com açúcar, refrigerantes e chocolate eram consumidos diariamente por 71%, 30% e 24% dos participantes. O consumo de grãos (chia, linhaça e quinoa foi relatado por 7%. Conclusão: Observou-se alto consumo de alimentos processados e/ou industrializados com alto teor de gorduras e açúcares, juntamente com uma baixa ingestão de grãos. Essa conjuntura alimentar associada a um estilo de vida sedentário são fatores de risco para a instalação de um quadro de neoplasia.

  15. Modernidade alimentar e consumo de alimentos: contribuições sócio-antropológicas para a pesquisa em nutrição Dietary modernity and food consumption: socio-anthropological contributions to research in nutrition

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Alexandre Brasil Fonseca

    2011-09-01

    Full Text Available Este trabalho buscou apresentar o que a modernidade alimentar representa para a sociologia e a antropologia, questão que é discutida a partir de revisão bibliográfica. Considera-se inicialmente a presença do tema alimentação nos estudos das ciências sociais, enfocando-se as abordagens relacionadas à modernidade alimentar, especialmente o trabalho de Claude Fischler. Privilegiou-se o registro das questões relacionadas à alimentação e às mudanças no mundo do trabalho, ampliação do comércio, feminização da sociedade e a questão das identidades. Ao compreender o fenômeno alimentar e o seu consumo em uma abordagem mais qualitativa pode-se avançar na construção das ciências nutricionais, privilegiando-se uma abordagem compreensiva sobre o alimento e a alimentação nos dias atuais. Como recomendação os estudos atuais devem se dedicar à investigação do consumo alimentar como um fenômeno social para que se agreguem novos componentes analíticos ao conjunto de resultados com o enfoque biomédico.The scope of this work was to illustrate what dietary modernity represents for sociology and anthropology, which is a subject based on a bibliographic review that is discussed in this article. Initially, the presence of the theme of food and nutrition was assessed in studies in the social sciences, by focusing on the approaches related to dietary modernity, especially as found in the works of Claude Fischler. The main subjects of discussion were related to food and nutrition and changes in the work environment, the expansion of commerce, the feminization of society and the question of identity. By understanding the food phenomenon and consumption thereof using a more qualitative approach, it is possible to make progress in configuring the nutritional sciences, adopting a comprehensive approach to food and nutrition in this day and age. Future studies should be dedicated to investigating food consumption as a social phenomenon in

  16. Estrategias usadas para alimentar a niños preescolares por madres de una zona urbano marginal de Lima, Perú

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Doris Delgado-Pérez

    Full Text Available RESUMEN Se exploraron las estrategias que usan las madres de una zona urbano-marginal de Lima, para alimentar a sus hijos de 36 a 66 meses de edad. Estudio cualitativo con método de teoría fundamentada realizado en 30 madres que participaron en 1 de 4 grupos focales y/o 1 de 11 entrevistas a profundidad. Las entrevistas a profundidad y grupos focales, previamente grabadas, fueron transcritas para la identificación de los temas finales. La edad de las madres estuvo entre los 22 y 42 años; 60% de ellas con educación básica incompleta. Se encontraron como estrategias positivas dar de comer cuando tiene apetito y el manejo de oportunidades para dar de comer. Como estrategias negativas se encontró presionar para que coma y uso de castigo o premio para que termine su comida. Se concluye que las madres utilizaron estrategias positivas y negativas con la finalidad de que sus hijos coman toda su comida servida.

  17. ELEMENTOS DA ECOGASTRONOMIA COMO FATOR DE CONTRIBUIÇÃO PARA POTENCIALIZAR O TURISMO NO PARQUE NACIONAL DOS LENÇÓIS MARANHENSES

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ronaldo Luiz Beleze

    2017-06-01

    Full Text Available A Ecogastronomia, termo cunhado por Carlo Petrini na Itália, segue alguns princípios e propõe uma alimentação capaz de preservar os grupos sociais, a biodiversidade e os modos de produção, assegurando a produção e comercialização de produtos alimentícios. Essa nova forma de se alimentar associada ao turismo sinaliza uma alternativa para a geração de renda e melhoria da qualidade de vida dos povoados de Barreirinhas – MA; portal de entrada do PNLM (Parque Nacional dos Lençóis Maranhenses. O trabalho fundamentou os aspectos geo-históricos e econômicos de Barreirinhas para elencar potencialidades ecogastronômicas de seus povoados e seu reflexo no atrativo turístico. Esse estudo objetiva analisar as possibilidades, dos elementos alimentares, humanos e de infraestrutura, que compõe a ecogastronomia, contribuir como alternativa para aumento da prática do turismo, gerando renda para as comunidades menos assistidas. Com uma abordagem descritiva e método quantitativo, o questionário como instrumento de avaliação, originou uma interpretação que revela grande aceitação e aprovação quanto ao deslocamento para usufruir de novos atrativos, bem como traça o perfil positivo dos respondentes acerca dos elementos da ecogastronomia.

  18. Genética em transtornos alimentares: ampliando os horizontes de pesquisa

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Pinheiro Andréa Poyastro

    2006-01-01

    Full Text Available OBJETIVO: Revisar a literatura atual concernente à pesquisa genética em transtornos do comportamento alimentar e discutir questões relevantes ao desenvolvimento de um projeto de pesquisa genética nessa área no Brasil. MÉTODO: A revisão realizada utilizou a base de dados Medline, no período de 1984 a maio de 2005, com os seguintes termos de busca: "anorexia nervosa", "bulimia nervosa", "eating disorders", "binge eating disorder", "family studies", "twin studies", "molecular genetics studies". RESULTADOS: Os dados atuais apontam para uma contribuição relevante dos fatores genéticos na suscetibilidade à anorexia e à bulimia nervosa. A pesquisa genética com populações miscigenadas deve levar em consideração o tamanho da amostra, a densidade de genotipagem e a estratificação populacional. Através de "admixture mapping" é possível estimar a estrutura genética destas populações e localizar genes relacionados à variação étnica de doenças ou traços de interesse. CONCLUSÕES: O desenvolvimento de uma grande iniciativa de colaboração em genética de transtornos alimentares no Brasil e na América Latina viabilizará estudar os fatores genéticos em transtornos do comportamento alimentar no contexto de grupos inter-étnicos, e integrar uma nova perspectiva biológica à etiologia destes distúrbios.

  19. Soberania Alimentar, agroecologia e mercados locais.

    OpenAIRE

    Meirelles, Laércio

    2004-01-01

    A Rede Ecovida tem estimulado a construção de uma Rede Solidária de Produção e Circulação de Produtos Ecológicos nos estados do Paraná, de Santa Catarina e do Rio Grande do Sul, cujas células de comercialização são feiras livres, cooperativas de consumidores, mercados institucionais, pontos de abastecimento popular, pequenas lojas e comerciantes. Essa iniciativa é mais uma demonstração que práticas agroecológicas, associadas a mercados locais, trazem impactos positivos à Soberania Alimentar d...

  20. Inclusão de fibra alimentar em pães isentos de glúten

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Andressa Luciane Ceccon Saueressig

    Full Text Available Resumo Foram desenvolvidas quatro formulações de pães, isentos de glúten e com a inclusão de fibra alimentar solúvel e insolúvel, avaliando suas propriedades físicas, composição química, aceitação e intenção de compra do consumidor. O padrão (1 teve a farinha de arroz, fécula de mandioca, ovo, leite em pó, óleo de girassol, sal, açúcar, fermento biológico seco e água como ingredientes. Nos demais, a fécula foi parcialmente substituída por inulina (2, farelo de arroz desengordurado e inulina (3, e farelo de arroz desengordurado (4. A cor do pão 2 diferiu apenas na casca, que ficou menos vermelha e amarela que o 1. A inclusão do farelo de arroz proporcionou coloração mais escura, vermelha e amarela à crosta e miolo dos pães 3 e 4. A perda de peso e rendimento variaram apenas em relação ao pão 2, que teve maior perda de peso e menor rendimento, provavelmente devido ao colapso da massa, que não foi capaz de manter a estrutura na fase de crescimento. O custo dos pães com inulina foi maior, pois este ingrediente é um reconhecido prebiótico, adquirido em estabelecimentos farmacêuticos; enquanto que o custo do pão apenas com farelo diminuiu, já que se trata de um subproduto industrial, obtido da extração do óleo de arroz. Na composição química, houve incremento nos teores de cinzas, proteínas e fibra alimentar, principalmente insolúvel, nos pães 3 e 4; enquanto que o pão 2 apresentou menor teor proteico e maior teor de fibra alimentar, principalmente solúvel. Nutricionalmente, admite-se incremento do valor nutricional em detrimento de carboidratos digeríveis e do valor calórico. Sensorialmente, os pães 3 e 4 tiveram menor aceitação nos atributos cor e sabor, mas não diferiram dos pães 1 e 2 nos atributos odor e textura, e na intenção de compra dos consumidores. Conclui-se que o consumo dos pães que tiveram substituição parcial da fécula é garantia de alimento com qualidade funcional

  1. Determinantes do comportamento alimentar: uma revisão com enfoque na família Determinants of eating behavior: a review focusing on the family

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Alessandra Rossi

    2008-12-01

    Full Text Available O comportamento alimentar ocupa atualmente um papel central na prevenção e no tratamento de doenças. A alimentação durante a infância, ao mesmo tempo em que é importante para o crescimento e desenvolvimento, pode também representar um dos principais fatores de prevenção de algumas doenças na fase adulta. Freqüentemente a família, os fatores sociais e os ambientais podem influenciar o padrão alimentar das crianças. O objetivo desta revisão foi abordar os diversos fatores ambientais envolvidos na aquisição de hábitos alimentares na infância. Os artigos selecionados foram pesquisados nas bases de dados Medline e SciELO considerando o período de 1978 a 2007. Foram utilizados os termos em ingles: children's eating patterns, children's dietary quality, determinants of children's eating patterns e em português. São apresentados os resultados de algumas investigações mais relevantes nesta área. Embora alguns desses fatores sejam inatos e, por isso, necessitem de um controle mais rigoroso, ressalta-se o papel determinante da família na formação dos hábitos alimentares saudáveis, pois a modificação de um hábito alimentar durante a fase adulta tem, em geral, alta taxa de insucesso. Além disso, outros fatores, como a escola, a rede social, as condições socioeconômicas e culturais, são potencialmente modificáveis e influenciam no processo de construção dos hábitos alimentares da criança e, conseqüentemente, do indivíduo adulto.Eating behavior currently has a central role in the prevention and treatment of illnesses. Eating patterns during childhood, while important for growth and development, also represent one of the main factors that can prevent diseases in adulthood. Such eating patterns are frequently influenced by family, social and environmental factors. The objective of this review was to approach the many environmental factors involved in the acquisition of eating habits during childhood. The selected

  2. OFERTA ALIMENTARIA: LOS CONSUMIDORES Y SUS EXPECTATIVAS OFERTA ALIMENTAR: CONSUMIDORES E SUAS EXPECTATIVAS FOOD SUPPLY: CONSUMERS AND THEIR EXPECTATIONS

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Louise Sylvan

    2001-01-01

    Full Text Available En un siglo de progresos significativos en salud para una gran parte del mundo, lo último que los consumidores podrían haber esperado al finalizar el milenio es que los antiguos problemas de seguridad alimentaria se vieran intensificados por la introducción de nuevos métodos y de la aplicación de nuevas tecnologías en la agroindustria. Los consumidores y los ciudadanos en general han reaccionado con indignación por el riesgo al que han sido expuestos por el gobierno y los expertos. Aunque presentadas como opciones con base estrictamente científica, muchas de las decisiones relativas a la seguridad alimentaria y al comercio de alimentos a niveles nacionales o internacionales contienen un significativo elemento de interés ético, muchas veces no identificado o ignoradoEm um século de significativos progressos para a saúde de uma grande parte do mundo, o que menos poderiam os consumidores esperar ao finalizar o milênio era o fato de que antigos problemas de segurança alimentar sofressem acentuação como resultado da introdução de novas tecnologias agro-industriais. Os consumidores e os cidadãos, de um modo geral, reagiram com indignação ante o risco que são expostos por iniciativa do governo e especialistas. Ainda que apresentadas como opções viáveis e calcadas em base estritamente científicas, muitas das decisões relativas à segurança alimentar e ao comércio de alimentos em níveis nacionais e/ou internacionais contém significativos elementos de interesse ético, muitas vezes não identificados ou, até mesmo, ignoradosIn a century of significant improvements in health for many in the world, the last thing consumers expected at the close of this millennium was that the old problems of food safety would be intensified due to the introduction of new methods and technologies in the agri-business domain. Consumers and citizens have often reacted angrily at the risk that governments and experts have been willing to expose

  3. CORRELAÇÃO ENTRE FREQÜÊNCIA ALIMENTAR DE LACTANTES E ACIDEZ NO LEITE DE UM BANCO DE LEITE HUMANO

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    ISIS SABRINA SCARSO

    2009-12-01

    Full Text Available

    O Banco de Leite Humano (BLH é responsável pela promoção e incentivo ao aleitamento materno. São obrigatórias as análises de acidez Dornic no leite humano cru e de coliformes após pasteurização em todas as amostras recebidas. Alguns fatores são apontados como determinantes da acidez: composição química do leite, crescimento microbiano, temperatura de armazenamento e supostamente a alimentação da nutriz. Foi aplicado questionário de freqüência alimentar a quarenta e nove doadoras cadastradas no BLH de Sorocaba, abordadas em visitas domiciliares. O estudo, visou constatar os hábitos alimentares das lactantes e correlacionar os grupos de alimentos selecionados com os valores de acidez Dornic, através da correlação de Pearson. De acordo os valores encontrados não foi possível estabelecer correlação entre os alimentos consumidos pelas lactantes e os valores de acidez do leite.

  4. Um breve percurso histórico e cultural do alimento: Questionamentos sobre consumo alimentar, cultura e educação

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Terezinha Camargo Pompeo Vinha

    2017-05-01

    Full Text Available The text that is presented offers a feast of ideas that are open to reflection on food, eating habits and their historically situated uses. The objective of this study is to indicate and interpret the discursive language of the possible meanings of food and its multiple affections in human consumption that crosses the interfaces between the dimensions of education and health. This writing goes through the methodological path of historiographical and philosophical research based on the reference to researchers of the theme of food, nourishment and eating habits, understanding that these habits are located in the field of culture and are not universal, inserting in the history as a cultural object. The results point to the importance of reflections and critical discussions, making it possible to understand the theme not only as an essential element for human subsistence, but also as a consumer product created according to the productive models available as an element carrier of ideologies and different readings in time and space. In this study we intend to substantiate knowledge about the theme of food and nutrition, with new possibilities for reflection. O texto que se apresenta oferece um banquete de ideias que se dispõem à reflexão a respeito do alimento, dos hábitos alimentares e de seus usos historicamente situados. O objetivo deste estudo é indicar e interpretar a linguagem discursiva depreendida dos possíveis significados do alimento e suas múltiplas afetações no consumo humano que perpassa as interfaces entre as dimensões da educação e da saúde. Nossa escrita percorre o caminho metodológico da investigação historiográfica e filosófica com base na referência a pesquisadores do tema do alimento, da alimentação e dos hábitos alimentares, entendendo que estes hábitos se situam no campo da cultura e não são universais, inserindo-se na história como objeto cultural. Os resultados encontrados apontam para a import

  5. Estimulantes alimentares para larvas de pacu Feeding stimulants for pacu lavae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marcelo Borges Tesser

    2011-09-01

    Full Text Available Este estudo foi realizado com o objetivo de investigar o efeito estimulante de cinco aminoácidos (alanina, arginina, glicina, histidina e lisina da betaína e de suas misturas sobre a taxa de ingestão de dieta microencapsulada durante o desenvolvimento larval de pacu Piaractus mesopotamicus. Os resultados da análise estatística comprovaram a existência de efeito significativo, tanto da idade das larvas como dos aminoácidos, sobre a taxa de ingestão. No entanto, não houve significância estatística para a interação dos dois fatores. A glicina, a lisina e a beta��na foram considerados bons estimuladores do comportamento alimentar de larvas de pacu.The present study aimed to investigate the stimulant effect of five amino acids (alanine, arginine, glycine, histidine and lysine from betaine and their mixtures on the ingestion rates of formulated diet during the larval development of pacu Piaractus mesopotamicus. The statistical results showed significant effect of age and treatment. However, no significant effect was observed for the interaction of both factors. Glycine, lysine and betaine are considered good stimulants of the pacu feeding behavior.

  6. Avaliação dos teores de fibra alimentar e de beta-glicanas em cultivares de aveia (Avena sativa L Evaluation of dietary fiber and beta-glucan levels in oat (Avena sativa L cultivars

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luiz C. GUTKOSKI

    1999-12-01

    Full Text Available A fibra alimentar é composta por celulose, hemiceluloses, gomas, pectinas e mucilagens sendo classificada em solúvel e insolúvel, quanto a sua solubilidade em água. As beta-glicanas são componentes da fibra alimentar solúvel presentes na aveia e sua importância é devido às propriedades funcionais e aos efeitos hipocolesterolêmicos e hipoglicêmicos apresentados. O presente trabalho tem como objetivo avaliar os teores de fibra alimentar solúvel, insolúvel e total e de beta-glicanas de cultivares de aveia recomendados pela Comissão Brasileira de Pesquisa de Aveia. Grãos de aveia (Avena sativa, L foram descascados, as cariopses moídas e as amostras acondicionadas e armazenadas à temperatura de -20° C. Para a análise de fibra alimentar foi adotada a metodologia da AOAC (1997. Entre os cultivares analisados, UPF 7, UPF 13, UPF 14 e UPF 16 apresentaram os maiores teores de fibra alimentar insolúvel. Os maiores teores de fibra alimentar solúvel foram verificados nos cultivares UFRGS 7, CTC 13, UPF 16 e CTC 2. O cultivar UPF 16 apresentou o maior teor de fibra alimentar total, seguido de UFRGS 7, CTC 13 e UFRGS 18. Para a determinação de beta-glicanas foi adotada a metodologia da AOAC (1997. Os maiores teores de beta-glicanas foram verificados nos cultivares UFRGS 7, UPF 14 e UFRGS 18.The dietary fiber is composed by cellulose, hemi-celluloses, gums, pectins, and mucilages, being classified as soluble or insoluble depending on its solubility in water. Beta-glucans are a fraction of the soluble dietary fiber, being important due to its functional properties and effects in reducing cholesterol and glucose. This work aimed at evaluating the levels of soluble, insoluble, and total dietary fiber, as well as the amount of beta-glucans, present in grains of oat cultivars recommended by the Brazilian Commission for Oat Research. Oat grains were hulled, the caryopses were ground and the samples packaged and stored at temperature of -20º

  7. Mediações entre conceitos, conhecimento e políticas de alimentação, nutrição e segurança alimentar e nutricional

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luciene Burlandy

    2012-02-01

    Full Text Available Este trabalho se baseia em revisão da literatura internacional sobre abordagens conceituais relacionadas às políticas de alimentação e nutrição e de segurança alimentar e nutricional, como food policy; nutrition policy e food regimes. Propõe-se a reconhecer as relações entre os conceitos, os arranjos institucionais do Estado e a ação política em cada abordagem no contexto internacional. Adotou-se a perspectiva de que uma proposta conceitual não nasce do ponto de vista apenas do conhecimento, mas da ação política dos atores envolvidos, sendo reinventada e ressignificada em cada contexto histórico e geopolítico. Assim, carrega consigo uma intenção política, sendo resultante de projetos permanentemente em disputa, orientando e se modificando em função do que é considerado o objeto de cada política, as tentativas de resposta frente aos problemas e os arranjos institucionais necessários. Destaca-se a visão de que a construção do conhecimento transborda a contribuição acadêmica, envolvendo diferentes atores e grupos de interesse e, ao mesmo tempo, sinaliza a produção de conhecimento como militância política. Aponta, ainda, uma reflexão sobre o processo histórico de construção das abordagens conceituais e as respectivas inflexões no modo de se conceber uma política. Desta forma, os modos de explicar os fenômenos relacionados à alimentação e nutrição ou à segurança alimentar e nutricional se modificaram ao longo do tempo e revelam arranjos institucionais distintos, mais ou menos intersetoriais, ancorados em visões distintas de como tratar o problema em questão.

  8. Bulimia e transtorno da compulsão alimentar periódica: revisão sistemática e metassíntese Bulimia and binge eating disorder: systematic review and metasynthesis

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cybele Ribeiro Espíndola

    2006-12-01

    Full Text Available OBJETIVO: Esta revisão sistemática teve como objetivo organizar o conjunto das informações disponibilizadas pelos estudos qualitativos sobre a vivência dos pacientes portadores de bulimia e transtorno da compulsão alimentar periódica. METODOLOGIA: Pesquisas foram conduzidas nas seguintes bases de dados: PubMed, ISI, PsycINFO, EMBASE, LILACS e SciELO, no período de 1990 a 2005. Critérios de inclusão: 1 artigos com foco principal na bulimia ou transtorno da compulsão alimentar periódica; 2 pesquisas originais em inglês, espanhol, francês ou português; 3 uso de qualquer método qualitativo, como entrevista, grupo focal ou observação de campo. Critérios de exclusão: artigos exclusivamente teóricos ou que utilizam população infantil ou da terceira idade. Utilizou-se a abordagem meta-etnográfica para sintetizar os dados. Cada estudo foi lido, e as categorias centrais de cada um foram comparadas e interpretadas com as categorias de todos os outros estudos. RESULTADOS: Foram incluídos 15 estudos de um total de 3.415 artigos. Sete temas centrais que se sobrepõem foram identificados: representação da doença; sentimentos negativos (medo, culpa, raiva, solidão, perda de controle; sentimentos positivos (auto-controle; poder; função do sintoma; relacionamentos interpessoais; história pessoal; contexto sociocultural; recuperação. CONCLUSÕES: Embora muitos aspectos sejam negativos, a experiência, como um todo, não é referida apenas como má. Alguns aspectos dos transtornos alimentares são sentidos como benéficos, segundo os pacientes.OBJECTIVE: The aim of this systematic review is to identify the scope of qualitative investigations on the life experience of patients with bulimia and binge eating disorder. METHODOLOGY: Searches were conducted using the following databases: PubMed, ISI, PsycInfo, Embase, LILACS and Scielo, for articles published between 1990 and 2005. Inclusion criteria were: 1 articles with main focus on

  9. Quando o desejo se submete à necessidade de comer… : Características do comportamento alimentar numa amostra de mulheres com obesidade

    OpenAIRE

    Leitão, Mafalda Rodrigues

    2011-01-01

    Dissertação de Mestrado apresentada ao ISPA - Instituto Universitário O presente estudo pretende averiguar, numa amostra de 70 mulheres com um Índice de Massa Corporal (IMC) superior a 30kg/m², os comportamentos alimentares, nomeadamente à ingestão emocional, ingestão externa e restrição alimentar, avaliados pelo Questionário Holandês do Comportamento Alimentar (Q.H.C.A.). Pretende ainda explorar a associação do IMC e à existência ou não de um problema psicológico. Além disso, ...

  10. Abordagem do modelo transteórico no comportamento alimentar Transtheoretical model approach in eating behavior

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Natacha Toral

    2007-12-01

    Full Text Available O estudo do comportamento alimentar tem despertado grande interesse por se tratar de um elemento importante para o sucesso de intervenções nutricionais. Considerando-se a complexidade do tema e as inúmeras influências a que está submetido, sugere-se que o aprofundamento de pesquisas sobre os determinantes do comportamento alimentar possibilite maior impacto nas ações de promoção de práticas alimentares saudáveis. A adoção cada vez mais freqüente de uma alimentação inadequada no Brasil e no mundo leva a um questionamento sobre o impacto das intervenções nutricionais tradicionalmente utilizadas em âmbito populacional. Diversas estratégias de educação nutricional são atualmente descritas na literatura; contudo, alcançar a motivação da população para uma mudança efetiva do padrão alimentar ainda é um dos grandes desafios para a saúde pública. A aplicação do modelo transteórico parece ter um papel promissor em relação à melhor compreensão da mudança de comportamento alimentar, almejada nas intervenções nutricionais. Estratégias que envolvam o direcionamento para cada estágio de mudança de comportamento, identificado segundo essa teoria, podem ser mais eficazes quanto à motivação dos indivíduos a adotar práticas alimentares mais saudáveis.The study of eating behavior has been much interest, as this is an essential element for the success of dietary interventions. In view of the complexity of the subject and the countless influences to which it is subject, it is suggested that an in-depth exploration of eating behavior determinants enhances the impact of programs promoting healthy dietary practices. Increasingly more frequent, the adoption of inadequate diets in Brazil and elsewhere in the world leads to questions about the impact of dietary interventions traditionally applied to population groups. Many nutritional education strategies are currently described in the literature; however, motivating

  11. Ozônio como agente fitossanitário na conservação pós-colheita da batata-baroa

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Patrícia Helena Ribeiro

    2017-07-01

    Full Text Available Resumo Raízes de batata-baroa (Arracacia xanthorrhiza Bancroft foram imersas em água borbulhada com ozônio, para avaliar o controle de bactérias do gênero Erwinia. Além de análise visual das raízes, avaliaram-se a atividade das enzimas pectinolíticas pectinametilesterase e poligalacturonase, e as características físico-químicas (perda de massa, variação de cor, teores de açúcares e amido, durante o armazenamento. As raízes foram imersas em água ozonizada (1,52 mg L-1, por períodos de até 30 min. Em seguida, foram acondicionadas em câmara climática e avaliadas durante 10 dias. Não houve diferença visual aparente entre os tratamentos. Entretanto, raízes tratadas com ozônio por 30 min apresentaram menor atividade específica das enzimas pectinametilesterase. Houve efeito linear para açúcares solúveis totais e perda de massa, e efeito quadrático para açúcares redutores e não redutores, significativos apenas para o período de armazenamento. A imersão de raízes de batata-baroa em água borbulhada com ozônio por até 30 min não foi suficiente para o controle de bactérias do gênero Erwinia. Nas condições adotadas no trabalho, a ozonização não provoca alteração na perda de massa, no teor de amido, açúcares solúveis totais, açúcares redutores e açúcares não redutores, e na variação de cor das raízes de batata-baroa.

  12. Utilização de frutos de cactos (Cactaceae como recurso alimentar por vespas sociais (Hymenoptera, Vespidae, Polistinae em uma área de caatinga (Ipirá, Bahia, Brasil The use of cactus fruit food resources by social wasp (Hymenoptera, Vespidae, Polistinae in an area of Caatinga (lpirá, Bahia, Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Gilberto M. M. Santos

    2007-12-01

    Full Text Available Este estudo teve por objetivo identificar as espécies utilizadas como recurso alimentar e descrever os padrões locais de utilização de frutos de cactos como recurso alimentar por vespas sociais em uma área de Caatinga. Novecentos e oito indivíduos de nove espécies de vespas foram capturados visitando seis espécies de cactáceas. Cereus jamacaru DC. e Pilosocereus catingicola (Gurke Byles & G.D foram as cactáceas mais utilizadas por vespas sociais, tanto em número de espécies quanto de indivíduos. Polybia paulista von Ihering, 1896, Polybia ignobilis (Haliday, 1836, Polistes versicolor (Olivier, 1791, Polistes simillimus Zikán, 1951, Polistes billardieri Fabricius, 1804, Polistes canadensis (Linnaeus, 1758, Polybia occidentalis (Olivier, 1791 e Polybia sericea (Olivier, 1705 apresentaram as maiores amplitudes de nicho trófico. As maiores sobreposições no nicho trófico foram observadas entre Mischocyttarus lanei Zikán, 1949 e Polistes simillimus Zikán, 1951 (0,83. Os altos níveis de sobreposição de nichos observados são explicados em função do comportamento generalista das vespas sociais, bem como da exploração intensiva de poucas espécies de cactáceas.This study aims to identify food resource plants used by social wasp species in a Caatinga area, as well as describe the local patterns of cactus fruit resources used by wasps. Nine hundreds and eight foraging wasps, belonging to nine species, were captured while visiting six cactus species. Cereus jamacaru DC. and Pilosocereus catingicola (Gurke Byles & G.D. were the most frequently visited plants. Several wasp species and a great number of individuals visited them. Polybia paulista von Ihering, 1896, Polybia ignobilis (Haliday, 1836, Polistes versicolor (Olivier, 1791, Polistes simillimus Zikán, 1951, Polistes billardieri Fabricius, 1804, Polistes canadensis (Linnaeus, 1758, Polybia occidentalis (Olivier, 1791 and Polybia sericea (Olivier, 1705 had the larger trophic

  13. ALEITAMENTO MATERNO E AS CRENÇAS ALIMENTARES LACTANCIA MATERNA Y LAS CREENCIAS ALIMENTARIAS BREASTFEEDING AND NUTRITIONAL BELIEFS

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Sueli Mutsumi Tsukuda Ichisato

    2001-09-01

    Full Text Available A hipogalactia tem levado ao desmame precoce. As crenças e os tabus influenciam a alimentação materna durante a lactação. O presente estudo tem como objetivo identificar lactogogos regionais utilizados como suporte do aleitamento materno (AM, pautados nos tabus e crenças. Trata-se de um estudo de caso utilizando a análise de prosa(12. Alimentar-se ou não de certos alimentos, ter vivenciado a amamentação, as crenças transmitidas por familiares e médicos, crescimento e desenvolvimento da criança foram os fatores que estimularam o AM na nossa pesquisaLa hipogalactacemia ha sido uno de las razones que han llevado a las madres al destete precoz. Las creencias y los tabúes influyen en la alimentación materna durante la lactancia. El presente estudio tiene como objetivo identificar lactogogos regionales utilizados como soporte del alimento materno (AM, basados en los tabues y las creencias. Se trata de un estudio de caso utilizando el análisis de prosa(12. Alimentarse o no de ciertos alimentos, haber vivido la lactancia, las creencias transmitidas por familiares y médicos, crecimiento y desarrollo del niño fueron los factores que estimularon el AM en nuestra investigación.Hypogalactia has been one of the reasons that lead mothers to early weaning. Beliefs and taboos influence breastfeeding during lactation. This study aims at identifying regional lactagogues used as a support to breastfeeding based on taboos and beliefs. It is a case report which uses prose analysis(12. The findings show that feeding oneself with certain types of food or not, having experienced breastfeeding, beliefs transmitted by family members and physicians and the child's growth and development were factors which stimulated breastfeeding.

  14. Transtornos alimentares: fundamentos históricos Eating disorders: historical background

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Táki Athanássios Cordás

    2002-12-01

    Full Text Available Os autores fazem uma breve revisão dos aspectos históricos dos transtornos alimentares. Possíveis correlaç��es psicopatológicas com os conceitos diagnósticos atuais são discutidas.The authors make a brief review of the historical aspects of eating disorders. Possible correlations with modern psychopathological aspects are commented

  15. Prevalência de consumo alimentar entre hipertensos e diabéticos na cidade de Nova Boa Vista, Rio Grande do Sul, Brasil, 2013

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Kelli Destri

    Full Text Available Resumo OBJETIVO: descrever o consumo alimentar em uma população de hipertensos e diabéticos de uma cidade do sul do Brasil. MÉTODOS: estudo transversal descritivo, realizado na cidade de Nova Boa Vista-RS, Brasil, entre junho e setembro de 2013; dados sobre consumo alimentar foram coletados utilizando-se o questionário do Sistema de Vigilância Alimentar e Nutricional (SISVAN, a adequação foi baseada no Guia Alimentar para a População Brasileira de 2008. RESULTADOS: foram incluídos 422 participantes (≥18 anos de idade; os alimentos que tiveram maior frequência de consumo recomendada foram salada crua (60,7%, frutas (73,0%, lácteos (61,4%, frituras (57,3%, salgados (66,4% e refrigerantes (76,3%; embutidos e doces foram os alimentos que tiveram maior frequência de consumo não recomendado, 34,8% e 23,9% respectivamente; a prevalência de consumo semanal recomendado de frutas foi 19% maior entre mulheres (p=0,004. CONCLUSÃO: o consumo alimentar na população do estudo parece estar de acordo com as frequências recomendadas, especialmente entre mulheres.

  16. EFEITO DE DIFERENTES TEMPOS DE COZIMENTO NOS TEORES DE FIBRAS ALIMENTARES EM FOLHAS DE BRÓCOLIS, COUVE-FLOR E COUVE (BRASSICA OLERACEA L.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Mônica Alessandra Teixeira dos SANTOS

    2009-07-01

    Full Text Available

    Foram determinados os teores de fibras alimentares (FDA, FDN, lignina e pectinas das folhas de brócolis e couve-flor e comparados aos teores encontrados nas tradicionais folhas de couve. Os materiais estudados foram cultivados no município de Ijaci MG, com o objetivo da utilização integral dessas hortaliças como fonte alternativa de fibras. As folhas foram submetidas a cocção por seis diferentes tempos (0, 2, 4, 6, 8 e 10 minutos. Acompanhando o comportamento das diversas frações da fibra no material úmido e após secagem. Os resultados mostraram que as folhas de couve-flor e brócolis superaram a couve comum, que apresentou teores superiores apenas na fração FDA do material seco. Os resultados revelaram que as folhas das hortaliças analisadas podem ser consideradas como boas fontes de fibras insolúveis, mas não contribuem significativamente com a porção solúvel.

  17. Caracterização da neofobia alimentar em crianças de três a seis anos

    OpenAIRE

    Medeiros, Rodrigo Tavares Pinheiro de

    2008-01-01

    A alimentação é essencial para a vida. Para os onívoros, que necessitam de uma dieta variada para conseguir suprir suas necessidades nutricionais, é extremamente vantajoso incluir novos itens à dieta. Contudo, ingerir alimentos desconhecidos pode ser perigoso, em razão da possibilidade de intoxicação. Neste sentido, um dos comportamentos que auxiliam na redução dos riscos decorrentes da ingestão de itens alimentares desconhecidos é a neofobia alimentar, caracterizada pelo ato de recusar ou in...

  18. Análise do consumo alimentar em indivíduos com síndrome de Down da região metropolitana de Porto Alegre

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Franciéle Gomes da Silva

    2017-04-01

    Full Text Available A síndrome de Down (SD, também conhecida como trissomia do cromossomo 21 é uma das principais causas de deficiência intelectual da população. Possuem características como protusão lingual, dificuldade de mastigação, diminuição da saliva e constipação, ainda apresentam uma grande prevalência de sobrepeso e obesidade. Objetivos: avaliar o consumo de alimentos industrializados, fontes de gorduras saturadas e trans, através de questionário de frequência alimentar (QFA em pessoas com síndrome de Down. Método: foi realizado um estudo transversal, de caráter qualiquantitativo, com indivíduos portadores de SD, de ambos os sexos, de 0 a 52 anos que frequentam as Associações de Pais e Amigos dos Excepcionais (APAEs de três cidades da região metropolitana de Porto Alegre. Os dados foram coletados através de um QFA elaborado pelas autoras e respondido pelos responsáveis. As análises foram processadas no programa estatístico SPSS versão 21.0. Resultados: foram entrevistados 33 indivíduos, sendo que 57,6% do total da amostra encontrava-se na faixa etária da primeira infância, dos zero aos 10 anos. O leite integral, sucos industrializados e frios e embutidos foram os alimentos com maior porcentagem de consumo diário. O consumo de refrigerantes foi de 42,4% entre uma e duas vezes por semana e 54,5% consomem carne de gado de três a quatro vezes por semana. Mais de 20% dos participantes relataram o consumo de frituras como frango frito e polenta ou aipim frito e ovo frito de uma a duas vezes na semana. Considerações finais: o consumo dos alimentos estudados é presente nessa população, apesar de poucos apresentarem frequência de consumo diária. Ainda assim os hábitos alimentares devem ser melhorados uma vez que já existe uma propensão para o aumento de peso na síndrome de Down.

  19. O comércio intra-sectorial na indústria agro-alimentar nos países BRIC

    OpenAIRE

    Zhou, Qiong

    2012-01-01

    Mestrado em Contabilidade, Fiscalidade e Finanças Empresariais Esta dissertação analisa a evolução do comércio intra-sectorial total e por tipos (comércio intra-sectorial horizontal e vertical) na indústria agro-alimentar do Brasi, Rússia, Índia e China (os chamados BRIC). É feita, também, a caracterização dos quatro países em termos do seu peso nas exportações e importações de produtos agro-alimentares. A metodologia usada utiliza o índice de Comércio intra-sectoriasl de Grubel e Lloyd (1...

  20. Prática alimentar nos dois primeiros anos de vida

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Daniela Braga Lima

    2011-12-01

    Full Text Available Avaliou-se prática alimentar de crianças menores de dois anos. Estudo transversal desenvolvido em 2004-2005, a partir de dados do Estudo de Consumo Alimentar Populacional de Belo Horizonte/ECAP-BH. A amostra compreendeu 148 crianças menores de dois anos. Realizou-se entrevista em domicílio com mães/responsáveis e levantou-se os alimentos consumidos nas últimas 24 horas, incluindo leite materno e idade de introdução da alimentação complementar. Medianas de aleitamento materno exclusiva e total foram 60 e 150 dias, respectivamente. A introdução de outros tipos de leite e de alimentos não-lácteos ocorreu precocemente. Do ponto de vista nutricional, as dietas eram desbalanceadas e o ferro foi o nutriente mais deficiente no primeiro ano de vida. Os resultados evidenciam a necessidade da implementação de medidas de intervenção nos serviços de saúde do município para a promoção da alimentação complementar saudável.

  1. Transformaciones alimentarias en Puerto Vallarta, México Mudancas alimentares em Puerto Vallarta, Mexico

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ricardo Ávila

    2009-12-01

    Full Text Available Puerto Vallarta está situada na costa meridional do Pacífico mexicano, destino turístico considerado de grande prestígio. Além disso, é também reconhecida pela sua qualidade de sua cozinha, vista como gourmet. Entretanto, a alta gastronomia é apenas uma parte da vasta diversidade de culinárias que se oferecem nessa cidade-porto, um resultado das profundas mudanças sociais ali transcorridas nas últimas três décadas. O texto oferece uma breve explanação da introdução e evolução de alguns usos alimentares em Puerto Vallarta, expondo também uma articulação com o contexto local, analisando o abastecimento, a composição alimentar e seus ritmos. Nesse sentido, questiona-se a existência de um modelo alimentar local justaposto às fortes influências exógenas e que teria poucos vínculos com uma possível identidade cultural da população local.Puerto Vallarta, located on the Mexican Pacific coast, is now a prestigious tourist destination. It is also considered a venue for gourmet cooks, due to the elaborate variety of gastronomy available. Nevertheless, what meets the eye is only part of a motley crowd of culinary possibilities that emerge simultaneously in this port, which in turn are the result of the giddy social change of the last three decades. The following text gives a brief explanation of the historic evolution of Puerto Vallarta regarding the introduction of different culinary traditions; it explores the perceptions of local inhabitants of these gastronomic innovations; these perceptions are duly related to a supposed local cultural ethos; and finally it proposes that the juxtaposition of what is on offer gastronomically is an extension of certain ‘food models’ and the development of a new socio-cultural identity.Situado en la costa meridional del Pacífico mexicano, Puerto Vallarta es un sitio turístico prestigiado, y es también considerado un destino de cocina gourmet. Sin embargo, la alta gastronomía es s

  2. Desenvolvimento de espessante alimentar com valor nutricional agregado, destinado ao manejo da disfagia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Carlos Henrique Pagno

    2014-04-01

    Full Text Available A disfagia se caracteriza por uma disfunção no processo de deglutição, sinal prevalente de doenças degenerativas como esclerose múltipla e doença de Parkinson. Alimentos de textura modificada e bebidas espessadas são tradicionalmente utilizados no auxílio para o tratamento clínico da disfagia. Assim, este trabalho objetivou desenvolver uma formulação de espessante alimentar com valor nutricional agregado, e avaliar sua eficiência em diferentes alimentos líquidos (leite integral, sucos de maçã, uva e laranja, sob diferentes condições de tempo de preparo (10 e 120 minutos e 24 horas e temperatura ambiente (25°C e refrigerada (10°C. A formulação foi composta de concentrado proteico de soro, mix de vitaminas e minerais e goma guar como agente espessante. Os valores obtidos para a viscosidade mostraram diferença estatisticamente significativa (P<0,05 entre os tempos de espessamento, sendo que as viscosidades no tempo de 10 minutos e após 24 horas variaram, respectivamente, 58±3cP a 180±2cP na consistência de néctar; de 310±4Cp a 1084±3cP na consistência de mel e 844±14 a 2848±22cP na consistência de pudim. No entanto, a maioria das bebidas permaneceu dentro dos padrões internacionais sugeridos pela National Dysphagia Diet (NDD, para a consistência de alimentos destinados a pacientes disfágicos.

  3. Estado nutricional e consumo alimentar de mulheres jovens na fase lútea e folicular do ciclo menstrual Nutritional status and food consumption of young women in the luteal and follicular phases of the menstrual cycle

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Larissa Almenara Silva dos Santos

    2011-04-01

    Full Text Available OBJETIVO: Avaliar o estado nutricional e a ingestão alimentar de mulheres adultas sadias durante o ciclo menstrual. MÉTODOS: Quarenta e cinco voluntárias foram acompanhadas durante três meses. A avaliação do estado nutricional foi baseada no índice de massa corporal, porcentagem de gordura e água corporal. Foram aplicados seis registros alimentares para análise da ingestão dos grupos de alimentos, usando como base o guia alimentar da pirâmide. Para a observação do sintoma "desejos alimentares", foram utilizados três "mapas de sintomas diários". RESULTADOS: Os valores médios de índice de massa corporal e de porcentagem de gordura corporal apresentaram-se normais em ambas as fases, entretanto foi observado maior percentual de mulheres com água corporal acima do padrão na fase lútea (77%. O consumo de alimentos do grupo complementar foi maior na fase lútea. Todos os outros grupos de alimentos, com exceção do grupo de carnes, apresentaram consumo inferior às recomendações, em ambas as fases. A intensidade do sintoma "desejos alimentares" foi leve durante o ciclo menstrual, não sendo observada diferença significativa entre as fases. O sintoma "desejos alimentares" associou-se positivamente com o aumento da ingestão do grupo complementar na fase lútea. CONCLUSÃO: O ciclo menstrual influencia o comportamento alimentar e leva à retenção hídrica, na fase lútea, em mulheres adultas sadias.OBJECTIVE: This study assessed the nutritional status and food intake of healthy young women during the menstrual cycle. METHODS: Forty-five volunteers were followed for three months. Their nutritional status was determined by body mass index, body fat and total body water. Six food recall instruments were used to evaluate food group intake according to the food guide pyramid. Food cravings were detected by three daily symptom charts. RESULTS: The mean body mass index and body fat were normal in both phases; however, there was a higher

  4. Avaliação do consumo alimentar de pacientes com mucopolissacaridose = Assessment of dietary intake of patients with mucopolysaccharidosis

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Leite, Roberta B.

    2014-01-01

    Conclusões: Detectou-se alta frequência de inadequação no consumo alimentar de crianças e adolescentes com mucopolissacaridose. Algumas limitações osteoarticulares causadas pela doença acarretam problemas na ingestão de alimentos, tendo muitos pacientes necessidade de auxílio no ato de se alimentar. A conduta nutricional especializada poderá auxiliar na qualidade de vida e no prognóstico desses indivíduos

  5. Caracterização dos hábitos alimentares e avaliação antropométrica dos estudantes da Universidade de Coimbra

    OpenAIRE

    Sousa, Célia Maria Pires Lavaredas de

    2013-01-01

    Introdução: todo um enquadramento cultural, económico e psico-social torna a população universitária um grupo alvo de estudo e eventual intervenção nutricional, atendendo ao facto de os hábitos alimentares instituídos em idades mais jovens poderem ser os mais duradouros e mais relevantes no futuro. Objectivo: caracterizar os hábitos alimentares dos estudantes da Universidade de Coimbra recorrendo a um questionário de frequência alimentar e fazer a avaliação antropométrica com base no Índic...

  6. Compulsão alimentar e bulimia nervosa em praticantes de exercício físico

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cláudia Raulino Tramontt

    2014-10-01

    Full Text Available INTRODUÇÃO: Estudos nacionais mostram variações na prevalência de compulsão alimentar entre 14,9 a 18,1%, enquanto a bulimia nervosa (BN apresenta-se em torno de 1 a 3,6%. Indivíduos que apresentam transtornos alimentares procuram espaços onde o exercício físico é estimulado e assim mascaram características da doença, exercitando-se compulsivamente após um episódio de compulsão alimentar. OBJETIVO: Identificar a prevalência de transtorno da compulsão alimentar periódica (TCAP e bulimia nervosa em praticantes de exercício físico associando ao estado nutricional, modalidade, frequência, duração e objetivo da prática do exercício físico. MÉTODOS: Estudo transversal composto por 103 indivíduos maiores de 18 anos com idade média de 37,7 (DP±15,6 anos, de ambos os sexos, praticantes de exercício físico há pelo menos três meses ininterruptos antes do início da pesquisa. Para análise da prevalência de TCAP e BN foi utilizado o Questionário sobre Alimentação e Peso (QEWP-R e um questionário específico sobre exercício físico. O estado nutricional foi classificado conforme o IMC. RESULTADOS: A prevalência de TCAP entre os indivíduos praticantes de exercício físico foi de 0,97%. Houve associação entre valores de IMC mais alto (p=0,026, idade menor (para TCAP p=0,036, BN p=0,01 e objetivo da prática de exercício físico declarado "estética" (para TCAP p=0,011 e BN p=0,043 com maiores pontuações nos escores de TCAP e BN. CONCLUSÃO: A prevalência de TCAP e BN encontrada neste estudo está de acordo com o referido na literatura internacional. Não foram encontradas associações entre compulsão alimentar e maior frequência de exercício físico.

  7. Insegurança alimentar no Nordeste e Sul do Brasil: magnitude, fatores associados e padrões de renda per capita para redução das iniquidades

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luiz Augusto Facchini

    2014-01-01

    Full Text Available O artigo analisa a insegurança alimentar em domicílios urbanos com crianças menores de sete anos de idade. Por meio de estudo transversal localizou-se, nas áreas de abrangência de unidades básicas de saúde, 5.419 domicílios na Região Nordeste e 5.081 na Região Sul do Brasil. A insegurança alimentar foi avaliada usando-se a Escala Brasileira de Insegurança Alimentar. A prevalência de insegurança alimentar moderada ou grave foi 22,9% no Nordeste e 7,5% no Sul. Em ambas as regiões, na análise ajustada, a maior probabilidade de insegurança alimentar moderada e grave foi identificada em domicílios chefiados por mulheres, com cor da pele materna preta e parda/mestiça, com menor escolaridade materna, menor renda familiar per capita e beneficiários do Bolsa Família. A insegurança alimentar moderada ou grave seria reduzida em 59,5% no Nordeste e em 45,4% no Sul, com uma renda familiar per capita mínima de R$ 175,00 ao mês. O aumento da renda familiar dos mais pobres e a melhor focalização do Bolsa Família são essenciais para a diminuição da insegurança alimentar no país.

  8. Contribuição ao estudo do problema alimentar da Amazônia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    João de Barros Barreto

    1947-12-01

    Full Text Available Salientando os diversos aspectos a atender, para a solução racional do problema da alimentação na Amazônia, aliás já fixados em 1941 pela Comissão que traçou as linhas gerais de um plano de saneamento dessa vasta região, aludem os A.A. às realizações já empreendidas dentro do programa traçado, e que versaram apenas sôbre os hábitos alimentares de um grande núcleo de população e sôbre o valor nutritivo de alguns elementos pouco conhecidos da fauna e da flora locais. Abordam, à guisa de ensaio, neste trabalho, o ponto concernente ao planejamento de regimes adequados, que se adaptem tanto às exigências, como as possibilidades regionais. Frisam, então, de início, as bases racionais a que devem eles obedecer respeito não só à redução do total de calorias, fornecidas, nos seus 2/3, por hidratos de carbono e ao qual se subordinam as cotas das três principais vitaminas do complexo B,* como também a restrição, igualmente indicada, da taxa de proteínas; respeito, ainda, as cotas recomendáveis das vitaminas A e C e de cálcio, dando aí especial atenção ao detalhe da sua aproveitabilidade. Referem, de passagem, à conveniência de não se descurar do problema do ferro alimentar, em face das endemias reinantes na região e das dificuldades para fazer, artificialmente, o enriquecimento marcial dos regimes, já que, para instituí-los, partem do principio de ser vantajoso lançar mão de recursos de produção local, sem ficar em marcada dependência de grandes centres distribuidores regionais. Mostrando as dificuldades para a utilização, na escala desejada, da carne e leite de vaca, como artigos básicos de regime — e apontam, entre os percalços, os inerentes ao transporte e conservação desses alimentos — apresentam uma tabela básica, para o adulto em trabalho moderado, a qual lhe fornece 2.600 calorias diárias e obedece aos pontos fundamentais já aludidos. Nela figuram: os peixes, cujas variedades de

  9. Avaliação de diferentes programas de restrição alimentar para matrizes pesadas

    OpenAIRE

    Carneiro, Paulo Roberto de Oliveira [UNESP

    2013-01-01

    Em matrizeiros é comum a utilização de regimes de restrição alimentar para o controle de peso das aves. Objetivou-se com este trabalho avaliar os efeitos que diferentes programas de restrição alimentar têm sobre matrizes de corte. Foram utilizadas 832 matrizes pesadas Cobb 500® com 31 dias distribuídas em 32 boxes, contendo 26 aves cada, seguindo um delineamento em blocos casualizados com 4 tratamentos (T1 – (controle) restrição diária, T2 - restrição “skip-a-day”, T3 - restrição 4/3 e T4 - r...

  10. Segurança alimentar e nutricional: a produção do conhecimento com ênfase nos aspectos da cultura Feeding and nutritional security: the construction of knowledge with emphasis on cultural aspects

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria do Carmo Soares de Freitas

    2007-02-01

    Full Text Available Este ensaio sobre segurança alimentar e nutricional tem como objetivos enfatizar a importância dos aspectos culturais para avaliar políticas de alimentação e nutrição, e contribuir com o debate nos centros de ensino interessados em pesquisas sobre o tema. A estrutura desse objeto envolve diversas disciplinas, inclusive as que se referem ao direito e à cultura. Fez-se a revisão da bibliografia pertinente para contextualizar a problemática da segurança alimentar e nutricional nas esferas macro e micro social. Também, foram analisados documentos oficiais e realizadas reflexões a partir de estudos antropológicos e exemplos de situações interligadas ao assunto, na expectativa de sedimentar algumas noções conceituais que contemplem aspectos da cultura, para enriquecer a avaliação de políticas sociais sobre segurança alimentar e nutricional. Destacou-se a abordagem antropológica para desvendar os significados da fome crônica, um dos efeitos mais perversos da insegurança alimentar. Concluiu-se que a compreensão dos aspectos culturais cria uma nova perspectiva analítica para estudos da eficácia da segurança alimentar e nutricional, para além do campo explicativo e normativo do modelo biomédico.This essay on food safety stresses the importance of cultural aspects in assessing food and nutrition policies. It thus intends to contribute to topic discussions in educational centers interested in research on this issue. Such an objective involves various disciplines, including those concerned with law and culture. A bibliographical review was carried out in order to contextualize food and nutritional safety problems within the macro and micro-social spheres. Anthropological studies, the analysis of official documents and sample situations related to the subject were considered in an attempt to strengthen concepts comprising cultural aspects in order to improve the evaluation of social policies on nutritional and food safety. The

  11. Insegurança alimentar das famílias residentes em municípios do interior do estado da Paraíba, Brasil Household food insecurity in municipalities of the Paraíba State, Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rodrigo Pinheiro de Toledo Vianna

    2008-08-01

    Full Text Available OBJETIVO: Identificar a prevalência de segurança alimentar e dos diferentes graus de insegurança alimentar entre famílias residentes em 14 municípios da Paraíba e a relacionar com o perfil social, demográfico e econômico destas famílias. MÉTODOS: Realizou-se inquérito populacional no qual 4.533 famílias foram entrevistadas. Utilizou-se questionário para avaliar as características sócio-demográficas, juntamente com a Escala Brasileira de Insegurança Alimentar. Foram calculadas medidas de prevalência e verificada a associação entre as variáveis do estudo pelo teste qui-quadrado. Ajustou-se um modelo de regressão logística para examinar a associação dos fatores de risco à segurança e à insegurança alimentar. RESULTADOS: Observou-se prevalência de 11,3% de insegurança alimentar grave, 17,6% de insegurança moderada, 23,6% de insegurança leve; 47,5% da população foi classificada em situação de segurança alimentar. As áreas rurais apresentaram pior situação. O principal motivo referido para insegurança alimentar foi a falta de dinheiro para aquisição de comida. A regressão logística final foi composta por três variáveis: baixa renda familiar per capita (R$25,00 versus R$300,00, Odds Ratio=19,10, moradia precária (Odds Ratio=1,98 e falta de água permanente (Odds Ratio=1,38. As famílias do menor estrato de renda apresentaram menor prevalência de insegurança alimentar grave, quando incluídas em programas sociais. CONCLUSÃO: A prevalência de insegurança alimentar foi elevada. O instrumento utilizado demonstrou ser uma ferramenta importante de avaliação da situação de segurança alimentar e útil para o monitoramento de políticas públicas, como é o caso dos programas sociais que integram a estratégia Fome Zero do Governo Federal.OBJECTIVE: The objective of this study was to identify the prevalence of household food security in 14 municipalities of Paraiba State and examine its association with

  12. Modelo etiológico dos comportamentos de risco para os transtornos alimentares em adolescentes brasileiros do sexo feminino

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Leonardo de Sousa Fortes

    2016-01-01

    Full Text Available Resumo: O objetivo foi construir um modelo etiológico dos comportamentos de risco para os transtornos alimentares em adolescentes brasileiros do sexo feminino. Participaram 1.358 adolescentes de quatro cidades. Foram avaliados os comportamentos de risco para os transtornos alimentares, insatisfação corporal, pressões midiáticas, autoestima, estado de humor, sintomas depressivos e perfeccionismo por intermédio de escalas psicométricas. Peso, estatura e dobras cutâneas foram aferidos para calcular o índice de massa corporal (IMC e o percentual de gordura (%G. O modelo de equação estrutural explanou 76% da variância dos comportamento de risco (F(9, 1.351 = 74,50; p = 0,001. Os achados indicaram que a insatisfação corporal mediou a relação entre as pressões midiáticas, autoestima, estado de humor, IMC, %G e os comportamentos de risco (F(9, 1.351 = 59,89; p = 0,001. Vale destacar que embora os sintomas depressivos não tenham se relacionado com a insatisfação corporal, o modelo indicou relação direta com os comportamentos de risco para os transtornos alimentares (F(2, 1.356 = 23,98; p = 0,001. Concluiu-se que somente o perfeccionismo não aderiu ao modelo etiológico dos comportamentos de risco para os transtornos alimentares em adolescentes brasileiras.

  13. Assessment of executive functions in obese individuals with binge eating disorder Avaliação de funções executivas em indivíduos obesos com transtorno da compulsão alimentar periódica

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Duchesne Monica

    2010-12-01

    Making Tests A e B, Stroop Test e Wisconsin Card Sorting Test. Adicionalmente, quatro subtestes da Behavioral Assessment of the Dysexecutive Syndrome Battery foram também utilizados, a saber: Zoo Map Test, Modified Six Elements Test, Action Program Test e The Rule Shift Cards Test. RESULTADOS: Quando comparados a controles obesos, indivíduos obesos com transtorno da compulsão alimentar periódica apresentaram déficits significativos no Digit Span Backward, Zoo Map Test, Modified Six Elements Test e no Action Program Test. Os indivíduos com transtorno da compulsão alimentar periódica também apresentaram significativamente mais erros perseverativos e de mudança de set no Wisconsin Card Sorting Test. Em outras medidas, tais como Digit Span Forward, Trail Making Test, Stroop Test e The Rule Shift Cards Test, os indivíduos obesos com transtorno da compulsão alimentar periódica não diferiram significativamente dos obesos sem transtorno da compulsão alimentar periódica. CONCLUSÃO: Esses resultados sugerem que, neste estudo, os indivíduos obesos com transtorno da compulsão alimentar periódica apresentaram déficits executivos evidenciados por dificuldades na capacidade para resolução de problemas, na flexibilidade cognitiva e na memória operacional.

  14. O consumo alimentar de gestantes adolescentes no Município do Rio de Janeiro

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Barros Denise Cavalcante de

    2004-01-01

    Full Text Available O crescimento da gravidez na adolescência é visto com preocupação pela área de saúde pública. O consumo de alimentos que atendam a alta demanda de nutrientes durante a gestação tem sido identificado como um componente relevante. O objetivo do estudo foi conhecer o consumo habitual dos alimentos e de energia e nutrientes entre gestantes adolescentes. Foram entrevistadas 1.180 mães adolescentes em maternidades do Município de Rio de Janeiro e aplicado um Questionário de Freqüência de Consumo Alimentar semiquantitativo simplificado. Os alimentos referidos por pelo menos 50% delas foram arroz, açúcar, manteiga, pão, feijão, leite, refrigerante, sucos, legumes e laranja. Observa-se um menor consumo de sucos, legumes e frutas entre as menores de 15 anos. No primeiro quartil de consumo, a ingestão mínima recomendada de energia, ferro, folato, vitamina C e cálcio não foi alcançada. Encontrou-se uma associação inversa entre o número de pessoas no domicílio e o consumo de energia e nutrientes. O relato de informação sobre alimentação no pré-natal e a informação de mudança de alimentação durante a gravidez esteve associado a um melhor consumo de energia e nutrientes. A atenção pré-natal mostrou-se como um cuidado fundamental para melhores resultados na gestação.

  15. Neuropsicologia dos transtornos alimentares: revisão sistemática da literatura Neuropsychology of eating disorders: a systematic review of the literature

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Monica Duchesne

    2004-06-01

    Full Text Available ANTECEDENTES: A etiologia dos transtornos alimentares (TA ainda não se encontra estabelecida. Dentre os diversos fatores envolvidos, a hipótese de uma disfunção do sistema nervoso central tem sido explorada de diversas maneiras. Assim, a avaliação neuropsicológica de pacientes com TA tem por finalidade investigar a ocorrência de déficits cognitivos associados a estas patologias. OBJETIVOS: O objetivo deste artigo é avaliar o estado atual das investigações sobre a avaliação neuropsicológica em pacientes com TA. MÉTODOS: Foi realizada uma pesquisa bibliográfica - utilizando as seguintes bases de dados como estratégias de procura: MedLINE, PsychoINFO, LILACS e Cochrane Data Bank -, procurando artigos relacionados ao tema e publicados até o ano de 2004. RESULTADOS: A anorexia nervosa é o transtorno alimentar que conta com mais estudos neuropsicológicos e, de uma forma geral, os resultados apontam para déficits de atenção, déficits viso-espaciais e de viso-construção. Na bulimia nervosa, as alterações mais encontradas são déficits de atenção seletiva e das funções executivas. O transtorno da compulsão alimentar periódica ainda não conta com estudos neuropsicológicos até o momento. Após um tratamento bem-sucedido do transtorno alimentar, embora haja uma diminuição dos déficits cognitivos, algumas alterações cognitivas parecem persistir. CONCLUSÕES: Os transtornos alimentares parecem estar associados a algum grau de disfunção neuropsicológica, muito embora as funções específicas que se apresentam deficitárias variem entre os estudos encontrados, talvez em decorrência de variações metodológicas. O fato de que, após o tratamento, alguns pacientes apresentem uma melhora no funcionamento cognitivo poderia indicar que, em alguns casos, os déficits seriam funcionais. A ausência de melhora no funcionamento cognitivo de alguns pacientes, após diversas formas de intervenção, pode sugerir que estes

  16. A Tainha como Patrimônio Cultural e Experiência Turístico-Cultural em Bombinhas, Santa Catarina / Mullet Fish as Cultural Heritage and Tourism Experience in Bombinhas, Santa Catarina, Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Yolanda Flores e Silva

    2015-04-01

    Full Text Available Este artigo apresenta resultado de pesquisa realizada em Bombinhas, SC, sobre as tradições alimentares das famílias de pescadores artesanais, nesse município. O estudo teve como objetivo investigar o patrimônio alimentar tradicional da localidade e o seu potencial como experiência turístico-cultural. O percurso metodológico adotado foi o qualitativo, de natureza exploratória e descritiva, com uso do método etnográfico: trabalho de campo, entrevistas e observações do cotidiano local. A análise dos dados foi realizada através de Interpretação Reflexiva. Os resultados apontam para um patrimônio alimentar ancorado no pescado, mais especificamente na Tainha, com receitas preparadas no fogão à lenha pelas mulheres da comunidade. Herança cultural, a Tainha é degustada em eventos especiais familiares e públicos, como a Missa da Tainha, as farinhadas familiares e as Festas Juninas, entre outras, podendo, assim, representar uma experiência cultural diferenciada para o turista. Mullet Fish as Cultural Heritage and Tourism Experience in Bombinhas, Santa Catarina, Brazil - This paper presents results of research on the food traditions of the families of artisanal fisherfolk of the municipality of Bombinhas, SC. The study aimed to investigate the food heritage and its potential as a tourist-cultural experience. The methodological approach adopted was qualitative, exploratory and descriptive using the ethnographic method: fieldwork, interviews, and observations. Data analysis was performed by Reflexive Interpretation. The results show that there is a food heritage anchored in Mullet prepared in the wood stove by the women of the community. The Mullet fish generates dishes tasted in family and in public events such as the Mass of the Mullet, and outdoors festival (“festas juninas”. The government and the population considers this food as an important cultural heritage and an especial experience to the tourist.

  17. Tratamento farmacológico dos transtornos alimentares Pharmacological treatment of eating disorders

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Jose C Appolinario

    2002-12-01

    Full Text Available O tratamento dos transtornos alimentares (TA geralmente exige uma abordagem multidisciplinar em que a farmacoterapia é adjuvante de abordagens psicológicas e nutricionais. Psicotrópicos são indicados para a maioria dos pacientes com TA para tratar as comorbidades e também os sintomas chamados nucleares. Progressos importantes estão ocorrendo nos últimos anos. Este artigo apresenta uma revisão das evidências atuais e perspectivas futuras para o tratamento farmacológico da anorexia nervosa, bulimia nervosa e do transtorno da compulsão alimentar periódica.The treatment of eating disorders (ED usually involves a multidisciplinary approach and pharmacotherapy is adjunctive to psychological and nutritional interventions. Psychotropic agents are prescribed for most patients with ED to treat both the comorbid conditions and ED core symptoms. Important progresses have occurred in the last years. We present an overview of the current evidences and future directions in the pharmacological treatment of anorexia nervosa, bulimia nervosa and binge eating disorder.

  18. Avaliação da composição corporal e do consumo alimentar de nadadores adolescentes

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Aline Veroneze de Mello

    2015-10-01

    Full Text Available RESUMOIntrodução:A composição corporal e a alimentação de nadadores têm influência direta em seu desem-penho esportivo. Objetivo: Avaliar a composição corporal e o consumo alimentar de nadadores adolescentes.Métodos:Estudo transversal realizado com 15 nadadores adolescentes, de ambos os sexos, de um clube de São Paulo, Brasil. Aplicou-se um questionário de identificação e houve aferição de peso, estatura, circunferências corporais e dobras cutâneas. Para a avaliação do consumo alimentar foi aplicado um recordatório de 24 horas.Resultados:A maioria dos atletas apresentou percentual de gordura corporal adequado. Houve ingestão de suplementos alimentares por todos os nadadores. Observou-se elevado consumo de proteínas e baixa ingestão de carboidratos. As maiores prevalências de inadequação de micronutrientes foram para vitamina B9, iodo e cálcio.Conclusão:Os resultados sugerem a necessidade de intervenção nutricional nesse grupo de atletas.

  19. Alimentação e diabetes mellitus: percepção e consumo alimentar de idosos no interior de Pernambuco

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria Andressa Gomes Barbosa

    2015-09-01

    Full Text Available Objetivo: Avaliar o conhecimento sobre alimentação relacionada ao diabetes e identificar fatores que possam interferir na adesão à terapia nutricional e nas escolhas alimentares de participantes de um Centro de Convivência de Idosos em Sairé-PE. Métodos: Estudo quantitativo, transversal e descritivo com 39 frequentadores do referido centro, de julho a agosto de 2014, portadores ou não de diabetes mellitus. Aplicaram-se dois questionários para avaliar dados socioeconômicos, conhecimento alimentar e fatores culturais, e verificar o consumo de alimentos de alto e baixo índice glicêmico. Os dados foram analisados através do Programa Assistat versão 7.0 beta. Resultados: Observou-se que a maioria possui conhecimentos sobre tipos de alimentos que podem influenciar no tratamento de diabetes mellitus, pois 51,2% (n=20 disseram conhecer algum alimento que pode reduzir os riscos de acometimento ou auxiliar no tratamento do diabetes. A maioria disse ter adquirido esse conhecimento por meio de televisão (35%; n=7 e conversa com conhecidos (35%; n=7. Verificando o consumo alimentar, constatou-se maior consumo de alimentos com alto índice glicêmico. Porém, entre os diabéticos, viu-se que os alimentos de baixo índice glicêmico são consumidos mais vezes por semana. Conclusão: Considerou-se adequado o nível de conhecimento em relação à alimentação e diabetes, mas viu-se que fatores socioeconômicos e culturais podem interferir na adesão à dietoterapia ou nas escolhas alimentares dos indivíduos. Contudo, o consumo alimentar se mostrou mais adequado entre os diabéticos.

  20. Eating disorders and circadian eating pattern: a review

    OpenAIRE

    Bernardi, Fabiana; Harb, Ana Beatriz Cauduro; Levandovski, Rosa Maria; Hidalgo, Maria Paz Loayza

    2009-01-01

    Este artigo tem como objetivo revisar aspectos relacionados a transtornos alimentares e suas relações com as alterações no ritmo circadiano. Realizou-se uma busca sistematizada das informações nas bases de dados PubMed usando os seguintes descritores: eating disorders, circadian rhythm, night eating syndrome, binge eating disorder e sleep patterns. Os transtornos alimentares, como a síndrome do comer noturno e o transtorno da compulsão alimentar periódica, têm sido considerados e relacionados...

  1. Diabetes e transtornos alimentares: uma associação de alto risco Diabetes and eating disorders: a high risk association

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Alexandre Pinto de Azevedo

    2002-12-01

    Full Text Available O diabetes mellitus (DM é uma doença crônica que cursa com várias complicações clínicas e está entre as maiores causas de morbidade e mortalidade no Brasil. A presença de comorbidades psiquiátricas, principalmente depressão e transtornos alimentares (TA, no paciente diabético, pode interferir no controle metabólico e aumentar as complicações da doença. Entre os vários fatores na associação entre o DM e os TA, aspectos psicológicos relacionados ao DM, assim como restrições dietéticas, desempenham função importante na expressão de comportamentos alimentares inadequados nesta população. O objetivo do presente artigo é apresentar uma atualização sobre a associação entre o DM e os TA. Serão descritos dados sobre a epidemiologia, fatores de risco, aspectos clínicos, evolução e tratamento da comorbidade entre os TA (anorexia nervosa, bulimia nervosa e transtorno da compulsão alimentar periódica e DM tipos 1 e 2. O diagnóstico precoce e o tratamento adequado de um TA associado parece se correlacionar a um melhor prognóstico do DM.Diabetes mellitus (DM is a chronic illness that course with some clinical complications and it is one of frequent causes of morbidity and mortality in Brazil. The presence of psychiatric comorbidity can interfere in the metabolic control of diabetic pacients and increase the complications of this illness, mainly depression and eating disorders (ED. Some factors involveld in the association between DM and ED as psychological aspects related to DM, as well as dietary restriction, plays important role in the expression of inadequate alimentary behaviors in this population. The objective of this article is to present a review of the association between DM and ED. Thus, it will be described data on the epidemiology, risk factors, clinical aspects, course and treatment of comorbidity between ED (anorexia nervosa, bulimia nervosa and binge eating disorder and DM types 1 and 2. The early

  2. Práticas alimentares no primeiro ano de vida

    OpenAIRE

    Lima, Ana Paula Esmeraldo; Javorski, Marly; Vasconcelos, Maria Gorete Lucena de

    2011-01-01

    O estudo buscou analisar a literatura publicada referente às práticas alimentares no primeiro ano de vida de filhos de mães adolescentes, por meio de uma revisão integrativa nas bases de dados Lilacs, Medline e Cochrane, no período de 2000 a 2010. Foram utilizadas as palavras-chave: adolescente, aleitamento materno, alimentação mista e nutrição do lactente, sendo selecionados onze artigos científicos, que compuseram a amostra do estudo. Os resultados apontaram a incipiência de pesquisas publi...

  3. Perfectionism in obsessive-compulsive and eating disorders Perfeccionismo no transtorno obsessivo-compulsivo e nos transtornos alimentares

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Berta Rodrigues Maia

    2009-12-01

    Full Text Available OBJECTIVE: The main aims of this article are twofold. First, to assess perfectionism dimensions in obsessive-compulsive disorder and eating disorders in comparison with psychiatric control (depression/anxiety and non-clinical control groups. Second, to examine if perfectionism is specifically related to these different clinical conditions. METHOD: Thirty-nine outpatients with obsessive-compulsive disorder, 24 outpatients with eating disorders, 65 outpatients with a diagnosis of depression and/or anxiety, and 70 non-clinical participants completed the Portuguese version of the Multidimensional Perfectionism Scale. RESULTS: Compared to non-clinical subjects, individuals of all clinical samples had significantly higher scores on Multidimensional Perfectionism Scale total score, Self-Oriented and Socially-Prescribed Perfectionism. There were no significantly differences in Self-Oriented Perfectionism and Multidimensional Perfectionism Scale total score in all the three clinical samples. Subjects from the eating disorders sample had significantly higher scores of Socially-Prescribed Perfectionism in comparison to obsessive-compulsive disorder and psychiatric control samples. CONCLUSION: Perfectionism showed to be related with this broad range of psychopathologies. However, the differences between eating disorders versus obsessive-compulsive disorder and psychiatric control on Socially-Prescribed Perfectionism warrant further investigation in order to clarify the specificity of this perfectionism dimension in eating disorders.OBJETIVO: Este estudo tem dois objetivos principais. Primeiro, avaliar as dimensões do perfeccionismo no transtorno obsessivo-compulsivo e nos transtornos alimentares em comparação com duas amostras controle: psiquiátrica (depressão/ansiedade e não clínica. Segundo, avaliar se o perfeccionismo é um traço de personalidade especificamente relacionado com estas diferentes condições clínicas. MÉTODO: 39 pacientes com

  4. Efeitos do estado de humor sobre os comportamentos alimentares inadequados de atletas de atletismo

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Leonardo de Sousa Fortes

    Full Text Available O objetivo do presente estudo foi analisar os efeitos do estado de humor sobre os comportamentos alimentares inadequados (CAI em atletas. Participaram 68 atletas de atletismo, do sexo feminino, com idades entre 12 e 17 anos. Utilizaram-se o Eating Attitudes Test (EAT-26 e a Escala de Humor de Brunel (BRUMS para avaliar os CAI e o distúrbio total do humor (DTH, respectivamente. Dois modelos de regressão linear não indicaram influência estatisticamente significativa da BRUMS nas subescalas Dieta (p=0,42 e Bulimia e Preocupação com Alimentos (p=0,81 do EAT-26. Ao contrário, a BRUMS (p=0,04 demonstrou impacto significante (7% sobre os escores da subescala Autocontrole Oral. Concluiu-se que as atletas com DTH elevado podem estar mais susceptíveis à influência ambiental para a ingestão alimentar.

  5. Digestive and functional properties of a partially hydrolyzed cassava solid waste with high insoluble fiber concentration Propriedades funcionais-digestivas do concentrado de fibra alimentar obtido de mandioca

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Dorivaldo da Silva Raupp

    2004-06-01

    Full Text Available Starch factories generate large amounts of cassava solid waste. A small amount is utilized for animal feed but most of it is discharged with deleterious effects to the envirounment. A edible food with a high content of insoluble dietary fiber (60.9%, named "partially hidrolyzed cassava waste" (PHCW, was prepared from industrial cassava solid waste by an enzymatic process. PHCW or wheat bran (WB were fed to model rats and both promoted digestive function effects, but PHCW produced the greatest effect. The insoluble fiber constituent from PHCW (and not the soluble fiber, promoted the greatest fecal bulking, fecal weight and defecation frequency in rats, as compared to WB. Such results indicate that the partially hydrolyzed cassava waste presents digestive function properties which allow it to be used as an adequate source of insoluble dietary fiber in the formulation of functional food for human nutrition.As fecularias e polvilheiras produzem grandes quantidades de bagaço de mandioca. A proposta dessa pesquisa consistiu determinar, em ratos modelo, a propriedade funcional-digestiva do produto alimentício bagaço de mandioca hidrolisado (BMH, um concentrado de fibra alimentar (60,9%, peso seco que foi obtido a partir do bagaço de mandioca da polvilheira e através de processo de hidrólise enzimática. O BMH produziu efeitos fisiológicos no trato digestivo dos ratos modelos mais acentuados que os efeitos produzidos pelo farelo de trigo (FT. Foram os componentes insolúveis da fibra alimentar do BMH, e não a fração solúvel, os que mais contribuíram para o maior volume e peso das fezes e, por conseguinte, para o maior número de defecações. Por isso, o BMH pode ser usado como fonte alternativa de fibra alimentar para a formulação de alimentos, principalmente os consumidos por indivíduos com a finalidade de regular ou manter normal a funcionalidade digestiva.

  6. Programa de Aquisição de Alimentos: a lente bioética na segurança alimentar

    OpenAIRE

    Carvalho, Luciana Rodriguez Teixeira de; Rocha, Dais Gonçalves

    2013-01-01

    A bioética alcança questões públicas e busca a garantia dos direitos humanos, dentre os quais aqui se destaca o da alimentação, debate ético de uma situação persistente resultante da exclusão social. O Programa de Aquisição de Alimentos (PAA) busca a construção de proposta de segurança alimentar e nutricional centrada na comercialização da produção, nas pessoas, no social e na segurança alimentar dos mais vulneráveis. Este trabalho objetivou analisar os documentos oficiais do PAA, na modalida...

  7. Consumo alimentar e estado nutricional de mulheres em quimioterapia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Isabela Borges Ferreira

    2016-07-01

    Full Text Available Resumo O objetivo deste estudo foi analisar o consumo alimentar e o estado nutricional de mulheres com câncer de mama (CM em quimioterapia (QT. A avaliação dietética quantitativa foi realizada de acordo com as Dietary Reference Intakes (DRI e a avaliação qualitativa pelo Índice de Qualidade da Dieta Revisado (IQD-R. Dentre o total de pacientes (n = 20, 60% (n = 12 apresentaram circunferência da cintura igual ou superior a 88 cm. Foi verificado 75% (n = 15 de indivíduos com excesso de peso. A média da ingestão de cálcio, cobre, ferro, fibra alimentar, magnésio, potássio, vitamina A, niacina, vitamina B6 e zinco encontrava-se abaixo da recomendação de ingestão adequada e o consumo de vitamina C, fósforo, manganês, sódio e tiamina encontrava-se acima. Quanto à análise do IQD-R, 80% (n = 16 das pacientes apresentaram uma “dieta que requer modificações”, enquanto que 20% (n = 4 apresentaram uma “dieta saudável”. Observou-se elevado excesso de peso, desequilíbrio na ingestão de micronutrientes e dieta que necessita melhorias. Dessa forma, a criação e a utilização de um protocolo de intervenção nutricional são de grande relevância para melhorar a dieta de pacientes com CM que realizam QT.

  8. Avaliação do consumo alimentar de crianças brasileiras assistidas em creches: uma revisão sistemática

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Dixis Figueroa Pedraza

    2015-03-01

    Full Text Available Objetivos: levantar evidências sobre o perfil do consumo alimentar de crianças brasileiras assistidas em creches. Métodos: foi realizada uma busca por estudos observacionais nas bases de dados PubMed, LILACS e SciELO. Foram selecionados artigos publicados entre 1990 e 2013, utilizando os termos “food consumption” AND “child day care centers”. Resultados: foram identificados 58 artigos, dos quais 21 artigos foram considerados relevantes para o presente trabalho: 18 estudos transversais e três longitudinais. A sistematização dos estudos destaca: i a concentração geográfica no Sudeste do país; ii a apropriação da pesagem direta de alimentos e dos valores de referência das Dietary Reference Intakes na avaliação do consumo de alimentos; iii um panorama preliminar, com ênfase no Sudeste, do consumo deficitário de legumes, frutas e vegetais, e da inadequação da ingestão dietética de ferro; iv a restrição dos resultados à ingestão média devido à insuficiência do uso de métodos apropriados ao estabelecimento de padrões alimentares. Conclusões: apesar da escassez e dispersão espaço-temporal dos estudos, as semelhanças metodológicas possibilitam sugerir um panorama em que predomina a ingestão dietética deficitária do grupo de frutas, legumes e verduras, e de alimentos ricos em ferro; bem como a ingestão excessiva de alimentos protéicos e de alto teor de sódio.

  9. Corantes alimentares presentes em alimentos ultraprocessados consumidos por universitários / Food dyes present in ultra-processed foods consumed by university students

    OpenAIRE

    Dayana Nolasco Gama; Maria Lúcia Teixeira Polônio

    2018-01-01

    Objetivo: Descrever os corantes alimentares presentes nos alimentos ultraprocessados consumidos por 273 graduandos de uma universidade pública do Rio de Janeiro. Métodos: Foi caracterizado o perfil sociodemográfico e de saúde a partir de questionário semiestruturado. Consumo de alimentos ultraprocessados foi obtido através do Questionário de Frequência Alimentar (gelatinas, biscoitos recheados, balas e chicletes, refrigerantes, preparados sólidos para refresco, sucos industrializados, tempero...

  10. Lipideos sericos no periodo pos-alimentar : padrões da resposta lipemica e sua modulação pelos sexos

    OpenAIRE

    Juliana Tentor

    2004-01-01

    Resumo: A aterosc1erose é uma doença multifatorial da parede arterial de caráter degenerativo, imuno-inflamatórioe progressivo. Entre os diversos fatores predisponentes para o desenvolvimento da doença arterial coronariana situa-se o aumento da lipemia no período pós-alimentar. Este é um estado em que o ser humano passa a maior parte de sua vida por ter hábitos alimentares seqüenciais. São mecanismos fisiopatológicos da aterogenicidade deste período, a deposição sub-endotelial de lipoproteína...

  11. Validação de fotografias de alimentos para estimativa do consumo alimentar

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rávila Graziany Machado de SOUZA

    2016-06-01

    Full Text Available RESUMO Objetivo Validar fotografias de um guia fotográfico de alimentos para estimativa do consumo alimentar. Métodos As fotografias de 12 alimentos (bolo simples, macarrão ao sugo, mamão formosa, melancia, repolho roxo ralado, quiabo refogado, churrasco em tiras, filé de frango grelhado, pudim de leite condensado, pizza, amendoim cru e queijo tipo minas, retratadas em três tamanhos de porções (pequena, média e grande, foram avaliadas por 90 indivíduos adultos. Foram também investigados o peso, a estatura e o sexo dos participantes. Para análise de concordância entre o tamanho da porção do alimento retratado nas fotos e o tamanho real do alimento, utilizou-se o teste Kappa. Os dados foram analisados no software Stata, considerando-se p 0,05. Conclusão As 12 fotografias apresentaram uma boa concordância com as porções dos alimentos e podem ser um instrumento útil para aumentar a acurácia dos relatos do consumo alimentar.

  12. Segurança alimentar de suplementos comercializados no Brasil

    OpenAIRE

    Silva,Luiz Fernando Miranda da; Ferreira,Karla Silva

    2014-01-01

    INTRODUÇÃO: A ingestão de suplementos deve ser seguro à saúde.OBJETIVO: Avaliar a segurança alimentar de suplementos dietéticos no Brasil.MÉTODOS: Os produtos foram pesquisados em 36 websites dos mais relevantes em venda de suplementos no Brasil. Para a verificação da situação legal dos produtos e seus fabricantes, consultou-se a legislação brasileira e o banco de dados do Ministério da Saúde.RESULTADOS: Identificou-se 3526 suplementos, sendo 63% comercializados para fins de emagrecimento e h...

  13. Homocisteína como fator de risco para doenças cardiovasculares

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Sthefano Atique Gabriel

    2007-05-01

    Full Text Available Elevadas concentrações plasmáticas de homocisteína têm sido identificadas como um fator de risco independente para aterosclerose cerebral, coronariana e periférica. Os efeitos danosos da homocisteína sérica são fruto de suas características aterogênicas e trombogênicas. O tratamento mais eficaz para hiperhocisteinemia consiste na redução da homocisteína plasmática, através da fortificação alimentar com suplementos vitamínicos, ricos em vitamina B6, vitamina B12 e, principalmente, acido fólico. A dose recomendada é de 400 microgramos de folato por dia, sendo esta medida uma poderosa redutora da morbidade e mortalidade cardiovascular, além de prevenir possíveis defeitos de fechamento do tubo neural.

  14. Resíduos alimentares do lixo domiciliar: estudo do uso na alimentação de frangos de corte Food residues of domestic waste: case study of use in broiler chickens feeding

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ednilson Viana

    2006-03-01

    Full Text Available O trabalho foi elaborado com o propósito de se avaliar o uso de resíduos alimentares na ração de frangos de corte, obtidos através de coleta seletiva em um bairro popular da cidade de São Carlos, SP, Brasil, triturados, esterilizados, secados e caracterizados química e microbiologicamente. O componente final obtido, denominado Ingrediente de Ração dos Resíduos Alimentares (IRRA, foi testado em frangos como ingrediente de ração, nas proporções de 5, 10, 15, 20 e 25%, em associação com o farelo de milho, farelo de soja e outros ingredientes. A caracterização do IRRA mostrou ausência de micotoxinas, metais pesados, pesticidas organoclorados e microrganismos patogênicos. Houve valor da energia metabolizável alto (3.483 kcal kg-1, bom valor proteico (12% e diversos minerais. Detectaram-se baixos conteúdos de vitaminas, alguns minerais e aminoácidos. Os resultados mostraram que a inclusão do IRRA em até 20%, não alterou o desempenho das aves, como avaliado pelos índices de consumo de ração, o ganho de peso e a conversão alimentar.The purpose of this study was to evaluate the use of leftover food as chicken feed destined for poultry farms, obtained through selective collection in a popular neighborhood in the city of São Carlos, SP, Brazil, ground up, sterilized, dried and characterized chemically and microbiologically. The final component, called food leftover feed ingredient (FLFI, was tested on chickens as a chicken feed ingredient in proportions of 5, 10, 15, 20 and 25% mixed with corn and soybean bran and other ingredients. The characterization of the FLFI revealed the absence of mycotoxins, heavy metals, organochlorined pesticides and pathogenic microorganisms. The product showed a high metabolizable energy value (3.483 kcal kg-1, good protein value (12% and various minerals. The vitamin content was found to be low, as were some minerals and amino acids. The results revealed that the inclusion of up to 20% of FLFI

  15. Dificuldades encontradas por médicos e enfermeiros na abordagem de problemas alimentares Difficulties found by physicians and nurses in approaching eating problems

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria Cristina Faber Boog

    1999-12-01

    Full Text Available A alta prevalência de doenças crônicas exige que profissionais de saúde estejam preparados para orientar os pacientes em relação aos fatores de risco, entre os quais, a alimentação. Este trabalho apresenta resultados de uma pesquisa que teve por finalidade identificar dificuldades nesta abordagem. A pesquisa envolveu oito médicos e nove enfermeiros. Empregou-se o método da pesquisa-ação, que envolve prestação de serviço, observação sistemática, entrevistas semi-estruturadas e retorno aos sujeitos pesquisados da elaboração teórica feita pelo pesquisador. A técnica de análise foi qualitativa, fundamentada na sociologia do conhecimento. As dificuldades identificadas foram: falta de embasamento teórico adequado à análise de problemas alimentares, falta de critérios para identificá-los, falta de parâmetros para discernir problemas alimentares de problemas econômicos, desconhecimento de técnicas para abordar problemas alimentares, percepção do problema alimentar como facticidade, necessidade de trabalhar com dietas padronizadas, conflitos entre conhecimento teórico e prática vivencial e desconhecimento do papel do nutricionista. As conclusões remetem à necessidade de envidar esforços no sentido de aprimorar o ensino de nutrição nos cursos de Medicina e Enfermagem, desenvolver métodos que permitam aos alunos problematizar questões alimentares, desenvolver pesquisas na área de educação nutricional aprimorando os métodos de orientação e esclarecer os profissionais de saúde acerca do papel do nutricionista na educação nutricional de pacientes, criando condições ao trabalho interdisciplinar. Considerando o papel primordial da nutrição na promoção, manutenção e recuperação da saúde, é fundamental que haja preparo adequado dos profissionais de saúde em relação ao assunto.The high prevalence of chronic degenerative diseases requires the health professionals to be able to guide patients about

  16. Jejum alimentar na qualidade da carne de frangos de corte criados em sistema convencional Feed withdrawal periods in the quality of broilers meat raised in the conventional system

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Janaina Boccia Jorge Castro

    2008-04-01

    Full Text Available O objetivo desta pesquisa foi avaliar o efeito de diferentes períodos de jejum alimentar (três, seis, nove, 12, 15 e 18 horas na perda de peso da ave viva, rendimento da carcaça quente e fria (antes e após o resfriamento no "chiller". Os atributos de qualidade da carne de peito de frango criados no sistema convencional tais como cor, capacidade de retenção de água (CRA, pH, força de cisalhamento e perda por cozimento foram avaliados. Neste experimento foram utilizados frangos de corte da linhagem Ross com 46 dias de idade. Os resultados mostraram que períodos prolongados de jejum alimentar teve efeito estatístico (P0,05 para o valor de L*, a* e b*, CRA, pH e perda por cozimento da carne de peito devido aos diferentes períodos de jejum alimentar. Os valores da correlação de Pearson mostraram uma correlação negativa (PThis research was aimed at evaluating the effect of different feed withdrawal (FW periods (3, 6, 9, 12, 15 and 18 hours on the live bird weight loss, dressed and chilled carcass yield (before and after of water chilling. The attributes of chilled breast meat quality of broilers raised in the conventional system were also evaluated, such as color, water holding capacity (WHC, pH, shear force and cooking loss. In this experiment, 46-day-old Ross broilers were used. The results of this study indicated that prolonged FW periods have a significant effect (P0.05 were observed for L*, a* and b values, WHC, pH, cooking losses and pH of the breast meat submitted to different FW periods. Pearson correlation values showed a negative (P<0.001 correlation between pH and L* value, and between L* value and WHC, which varied with FW periods.

  17. Práticas alimentares de crianças desnutridas menores de dois anos de idade Hábitos alimentarios de niños malnutridos menores de dos años de edad Feeding practices for malnourished children under two years old

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Paula Chuproski

    2012-12-01

    Full Text Available Analisar práticas alimentares de crianças desnutridas menores de dois anos. Estudo exploratório e descritivo, com análise qualitativa dos dados, realizado a partir de observação participante e entrevistas. Participaram 42 sujeitos. Os dados foram submetidos à análise temática. Ao explorar as práticas alimentares dessas crianças, os temas que emergiram foram: quem prepara a alimentação e o que é preparado; como são preparados os alimentos; a rotina alimentar das crianças; onde e como as crianças são servidas. A alimentação era pouco variada; láctea, no café da manhã e lanches, e no almoço com alimentos como arroz, batata, feijão e, às vezes, carnes. Frutas e hortaliças eram escassas, e alimentos industrializados estavam presentes em todos os domicílios. Foi possível apreender o cotidiano das práticas alimentares, suas inadequações, insuficiência de alimentos, higiene precária dos alimentos complementares, influência das avós, ambiente inadequado às refeições e situação de vida das famílias.Analizar los hábitos alimentarios de niños malnutridos menores de dos años. Estudio exploratorio descriptivo cualitativo, con análisis temático de datos, recolectados por observación participante y entrevistas. Participaron 42 sujetos. Los siguientes temas emergieron de indagaciones acerca de los hábitos alimentarios de los niños: quién prepara la alimentación y qué se prepara; cómo se preparan los alimentos; cómo es la rutina alimentaria de los niños; dónde y cómo los niños son servidos. La alimentación era variada poco, con alimentos lácteos en el desayuno y meriendas; y alimentos como arroz, patatas, frijoles y carne a veces para el almuerzo. Frutas y verduras eran escasas y alimentos procesados estaban presentes en todas las casas. Fue posible saber acerca del cotidiano de las prácticas alimentarias, sus inadecuaciones, insuficiencia de alimentos, higiene precaria de alimentos complementarios

  18. Estudo de caso controle para avaliar o impacto do abuso sexual infantil nos transtornos alimentares

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Felipe Paraventi

    2011-01-01

    Full Text Available CONTEXTO: O objetivo deste estudo foi investigar se antecedente de abuso sexual na infância (ASI está associado com transtornos alimentares na vida adulta. MÉTODOS: Realizou-se um estudo de caso controle (N = 120 comparando mulheres com transtornos alimentares tratadas em ambulatório universitário especializado com um grupo controle de pacientes de clínica não psiquiátrica (ambulatório de oftalmologia. RESULTADOS: Este estudo encontrou maior prevalência de ASI na anorexia nervosa (AN comparada ao grupo controle (50% versus 14,8%; OR = 5,8 IC 95% = 1,3-25,6; p < 0,05, entretanto não identificou diferença estatística entre os grupos comparando com casos de bulimia nervosa (BN (26,7% versus 27% no grupo controle; OR = 0,99; IC 95% = 0,24-4,1 e com transtorno de compulsão alimentar periódica (TCAP, apesar da maior prevalência de ASI observada neste último em relação ao grupo controle (43,7% versus 27,3%; OR = 2,1 IC 95% = 0,5- 8,1. Considerando-se a presença de dois ou mais episódios de ASI, observou-se também maior prevalência em AN (35,7% versus 3,7% nos controles; OR = 14,4 IC 95% = 1,5-140,8; p < 0,05. CONCLUSÃO: Este estudo mostrou forte associação da anorexia nervosa com antecedentes de abuso sexual na infância.

  19. Propriedades psicométricas da Escala de Atitudes Alimentares Transtornadas para adultos do sexo masculino

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marle dos Santos Alvarenga

    2013-12-01

    Full Text Available OBJETIVO: Avaliar as propriedades psicométricas da Escala de Atitudes Alimentares Transtornadas (EAAT para o sexo masculino. MÉTODOS: Duzentos e vinte e oito universitários (18-39 anos responderam à EAAT, originalmente desenvolvida e validada para o sexo feminino. A consistência interna foi avaliada pelo Alpha de Cronbach e a validade convergente, por meio do coeficiente de correlação de Pearson comparando os escores da EAAT, do Teste de Atitudes Alimentares (EAT e da Escala de Restrição (RS. A reprodutibilidade foi avaliada aplicando a escala numa subamostra (n = 38 com um mês de intervalo utilizando o coeficiente de correlação intraclasse (CCI. A validade known-groups foi obtida comparando o escore dos universitários na EAAT com o escore de homens com diagnóstico de transtornos alimentares (TA (n = 28. RESULTADOS: A consistência interna da escala foi de 0,63. O escore da EAAT foi correlacionado com a EAT (r = 0,65 e RS (r = 0,51, e o CCI entre o teste e o reteste foi de 0,948. A análise known-groups diferenciou pacientes com TA de estudantes universitários (p < 0,001. CONCLUSÕES: A escala apresentou propriedades psicométricas adequadas e pode ser utilizada em estudos com homens adultos - uma vez que o constructo é pouco explorado em homens. Recomenda-se, de qualquer forma, uma revisão da escala e desenvolvimento de instrumentos específicos para o público masculino.

  20. Sobre o condicionamento alimentar na cochonilha-branca, Planococcus citri (Risso (Hemiptera: pseudococcidae Regarding to host conditioning in citrus mealybug Planococcus citri (Risso (Hemiptera: pseudococcidae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Lenira Viana Costa Santa-Cecília

    2013-03-01

    Full Text Available Estudos do comportamento alimentar mediante a técnica de "Electrical Penetration Graphs" (EPG das cochonilhas-farinhentas (Pseudococcidae provenientes de um hospedeiro de criação alternativo têm mostrado que esses insetos não atingem ou demoram cerca de 9 horas para alcançar a fase floemática. Por outro lado, aqueles provenientes do hospedeiro-fonte atingem a fase floemática mais rapidamente e apresentam maior frequência de alimentação nos vasos crivados. Esses resultados indicam a presença do fenômeno de condicionamento alimentar, ainda não demonstrado em cochonilhas. Assim, o presente trabalho teve como objetivo determinar a existência desse fenômeno em Planococcus citri (Risso (Hemiptera: Pseudococcidae. Foram realizados testes de livre escolha, monitoramento eletrônico (EPG e estudos de alguns parâmetros biológicos. Em todos os experimentos, o cafeeiro (Coffea arabica L., os citros (Citrus sinensis L. e abóbora (Cucurbita maxima L. foram utilizados como substratos de criação (fonte da cochonilha, sendo os tratamentos constituídos pela combinação entre os hospedeiros-fonte e os hospedeiros receptores (café e citros. O teste de escolha entre cafeeiro e citros nas primeiras 72 horas mostrou que as cochonilhas criadas em cafeeiro apresentaram preferência pelo cafeeiro; aquelas originadas dos citros mostraram uma tendência, embora não significativa, em selecionar os citros em relação ao cafeeiro e aquelas criadas em abóbora não mostraram preferência por nenhum dos hospedeiros. Os estudos do comportamento alimentar mediante o monitoramento eletrônico (EPG mostraram que a fase floemática, considerada como a fase de aceitação do hospedeiro, foi mais frequente em cafeeiro, seja com cochonilhas oriundas deste substrato, seja de citros. Aqueles insetos mantidos em abóbora e transferidos para o cafeeiro ou citros apresentaram excepcionalmente ou não apresentaram nenhuma fase floemática, respectivamente. A

  1. Prevalência e fatores associados à prescrição/solicitação de suplementação alimentar em recém-nascidos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Josilene Maria Ferreira PINHEIRO

    2016-06-01

    Full Text Available RESUMO Objetivo Identificar a prevalência da utilização de suplemento alimentar em recém-nascidos e avaliar as características, os solicitantes e os motivos justificados para sua utilização em um "Hospital Amigo da Criança". Métodos Trata-se de estudo do tipo transversal, realizado com 113 díades mãe e filho de um hospital universitário com o título de "Amigo da Criança", no período de agosto de 2012 a fevereiro de 2013. A partir de um questionário estruturado, foram coletadas informações sociodemográficas, antecedentes obstétricos, condições de nascimento da criança, características do suplemento e prescritores. Foi realizada análise descritiva e inferencial (teste Qui-quadrado de Pearson, aceitando um nível de significância p?0,05, com intervalo de confiança de 95%. Resultados A prevalência de indicação de suplemento alimentar foi de 16,0%, com menor aderência para os nascidos nas primeiras horas do dia (p=0,006. O profissional de enfermagem foi o que mais solicitou o suplemento (54,0%, e no menor tempo (1 a 6 horas após o nascimento da criança (p=0,05. Quanto aos motivos de indicação, apenas 6,2% atenderam às recomendações da Iniciativa Hospital Amigo da Criança, destacando-se a hipogalactia como principal motivo (71,7%, com maior probabilidade de indicação para os recém-nascidos de parto cesáreo (p<0,02. Conclusão Apesar do título de "Hospital Amigo da Criança", foram identificadas inúmeras indicações de suplemento ali-mentar desnecessárias e precipitadas, o que pode dificultar o aleitamento materno e favorecer o desmame precoce, sugerindo a necessidade de uma avaliação mais criteriosa na indicação pela equipe assistencial.

  2. Transtornos alimentares na visão de meninas adolescentes de Florianópolis: uma abordagem fenomenológica Eating disorders in the view of teenage girls from Florianópolis, Santa Catarina State: a phenomenological approach

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Arlene Leite Nunes

    2010-03-01

    Full Text Available O presente trabalho objetiva compreender o significado da experiência vivida por adolescentes do sexo feminino com transtorno alimentar (TA, com ênfase nos aspectos relacionados à alimentação, a partir de uma perspectiva fenomenológica. Entrevistamos sete adolescentes com TA, atendidas em hospitais e clínicas de Florianópolis (SC. Na análise das entrevistas, procuramos identificar as unidades de significado, categorizandoas para apreensão da estrutura geral da vivência, extraindo a estrutura do vivido. Foram identificadas nove unidades de significado: o que representa a comida, hábito alimentar, alimentos que deixaram de ser consumidos, alimentos que passaram a ser consumidos, consumo de refrigerantes, escolhas alimentares, composição das refeições, hábito alimentar da família e alimentação saudável. As unidades de significado revelaram, entre outros, o sofrimento das adolescentes, seja por engordar, não se achar magra suficiente, comer demais, não comer, provocar vômito, tomar laxante/diurético, tentar suicídio, ver pais sofrendo, não se sentirem compreendidas. A pesquisa proporcionou contemplar o fenômeno pelo prisma da relação com a comida, confirmando como esta relação está ligada ao emocional. Também mostrou como é viver com TA na visão das adolescentes, procurando enxergar esses transtornos segundo suas óticas e sentimentos.The article aims to understand the meaning of the teenagers' experience of having ED (eating disorders, underscoring the aspects related to eating, from a phenomenological perspective. Seven female teenagers with ED being taken care in Florianópolis, Santa Catarina State, were interviewed. A categorization was made to reach the perception of the general structure of the experience, extracting the structure of the past experience. Nine signification units that assessed the life experience were identified: the representation of the food, eating habits, food that no longer were eaten

  3. Avaliação da qualidade protéica de dois suplementos alimentares em ratos Wistar

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    M. M. V. NAVES

    2008-10-01

    Full Text Available

    O objetivo da pesquisa foi avaliar a qualidade protéica de dois suplementos alimentares - um, formulado protéico em pó (produto em fase de teste e gelatina. Seis grupos de seis ratos machos Wistar recém-desmamados foram alimentados durante catorze dias com as seguintes dietas: controle (C10 - caseína, formulado protéico (FP10 e gelatina (G10 ao nível de 10 % de proteína; misturas de caseíma com formulado protéico (C7 FP3 ou gelatina (C7G3 (7:3 em base protéica, respectivamente; e dieta aprotéica. As dietas contendo o formulado protéico apresentaram boa qualidade protéica, segundo os índices NPR (Net Protein Ratio e NPU (Net Protein Utilization, sem diferenças significativas entre C7 FP3 e C10 (NPR= 4,00 e 4,11, e NPU= 65% e 67%, respectivamente. Os animais alimentados com gelatina (G10 e com dieta aprotéica perderam peso corpóreo e apresentaram pesos semelhantes dos fígados e inferiores aos dos demais grupos de ratos. O valor protéico da mistura caseína-gelatina (C7G3 foi menor que o da caseína (NPR relativo= 77 %, p<0,05. O formulado protéico constitui uma fonte de proteína de boa qualidade e seu uso como suplemento alimentar pode ser indicado em situações especiais. A gelatina, por sua vez, não pode ser considerada um complemento ou suplemento nutricional, pois não atende às necessidades protéicas do organismo e pode prejudicar a disponibilidade biológica de proteínas de boa qualidade.

  4. Insegurança alimentar, vínculo mãe-filho e desnutrição infantil em área de alta vulnerabilidade social Food insecurity, mother-child bonding and child malnutrition in a high social vulnerability area

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Viviane Laudelino Vieira

    2010-06-01

    Full Text Available OBJETIVO: analisar a insegurança alimentar e o vínculo inadequado mãe-filho como dois potenciais determinantes da desnutrição em crianças de quatro a seis anos de idade. MÉTODOS: estudo de caso-controle desenvolvido em Escolas Municipais de Educação Infantil (EMEIs no Jardim Jaqueline, área de alta vulnerabilidade social do município de São Paulo, Brasil. Foram aplicados a Escala Brasileira de Insegurança Alimentar e o Protocolo de Avaliação do Vínculo Mãe-filho, além de coletadas informações biológicas e socio-econômicas. Para verificação dos efeitos de cada variável independente e controle dos efeitos das demais variáveis incluídas no modelo, foi utilizado o modelo de regressão logística múltipla. RESULTADOS: verificou-se que tanto a insegurança alimentar familiar (OR=3,6 como o vínculo inadequado mãe-filho (OR=9,4 estiveram associados com a desnutrição infantil (pOBJECTIVES: to investigate food insecurity and inadequate bonding between mother and child as two potential factors determining malnutrition among children aged between four and six years. METHODS: a case-control study was conducted in Municipal Primary Schools in Jardim Jaqueline, a highly underprivileged neighborhood of the municipality of São Paulo, Brazil. The Brazilian Food Insecurity Scale and the Mother-Child Bonding Evaluation Protocol were applied and biological and socio-economic data collected. The multiple logistic regression model was used to confirm the effect of each independent variable and to control for other variables included in the model. RESULTS: both family food insecurity (OR=3.6 and inadequate mother-child bonding (OR=9.4 were confirmed to be associated with child malnutrition (p<0.05, even when controlled for weight at birth, age, and marital and employment status of mother. CONCLUSIONS: both family food insecurity (OR=3.6 and inadequate mother-child bonding (OR=9.4 were shown to be factors determining the occurrence of

  5. ANALISIS METODOLÓGICO PARA LA MODELACIÓN DE LA SEGURIDAD ALIMENTARIA A NIVEL NACIONAL ANALISE METODOLÓGICO PARA A MODELAÇÃO DE A SEGURIDADE ALIMENTAR A NÍVEL NACIONAL METHODOLOGICAL ANALYSIS TO MODELING FOOD SECURITY FROM A NATIONAL PERSPECTIVE

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    DIANA P GIRALDO

    2010-06-01

    Full Text Available La comunidad científica y política ha incrementado el interés por entender e intervenir el problema de seguridad alimentaria, especialmente desde la crisis alimentaria en la década de los 70's. Diferentes estrategias metodológicas han sido utilizadas con el ánimo de proyectar, predecir y evaluar políticas como soporte para la toma de decisiones en el sector público. Este artículo explora un conjunto de metodologías usadas para el estudio de la seguridad alimentaria a nivel nacional, herramientas estratégicas para una apropiada formulación, evaluación y aplicación de políticas. Se discute el potencial uso de metodologías complementarias al análisis tradicional, especialmente la Dinámica de Sistemas, como una herramienta de simulación que permite el análisis de relaciones causales, el establecimiento de variables críticas y la evaluación de escenarios a favor de una efectiva toma de decisionesA comunidade científica e política hão acrescentado o interesse por entender e intervir o problema de seguridade alimentar, especialmente, desde a crise alimentar na década dos 70's. Diferentes estratégias metodológicas hão sido utilizadas com o interesse de projetar, predizer e avaliar políticas como suportes para a toma de decisões no setor público. Este artigo explora um conjunto de metodologias empregadas no estudo da seguridade alimentar a nível nacional, ferramentas estratégicas para uma apropriada formulação, avaliação e aplicação de políticas. Discutese o potencial uso de metodologias complementárias à análise tradicional, especialmente a Dinâmica de Sistemas, como ferramentas de simulação que permite a analise de relações causais, o estabelecimento de variáveis críticas e a avaliação de cenários a favor de uma toma de decisõesThe scientific and politic community has had increasing concerns for strategic understanding and intervention of the food security problem, especially since the 70's food

  6. Percepção e compreensão dos conceitos contidos na Escala Brasileira de Insegurança Alimentar, em comunidades indígenas no estado do Amazonas, Brasil Perception and comprehension of concepts of the Brazilian Food Insecurity Scale in indigenous communities in the state of Amazonas, Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Lucia Kiyoko Ozaki Yuyama

    2008-08-01

    Full Text Available OBJETIVO: Este estudo teve como objetivo avaliar a percepção e a compreensão de conceitos e terminologia da segurança e insegurança alimentar, especialmente os que compõem a Escala Brasileira de Insegurança Alimentar, no contexto da realidade sócio-cultural indígena. MÉTODOS: Foram utilizados recursos de pesquisa qualitativa para a abordagem das comunidades indígenas Cacau, Flexeira e Mamori, situadas na bacia hidrográfica do Médio Juruá, nos municípios de Envira e Eirunepé (AM, baseando-se em metodologia já previamente utilizada no Brasil e adaptada ao presente contexto, em uma reunião com especialistas da área. Em seguida foram organizados grupos focais, com 18 participantes das três comunidades indígenas. RESULTADOS: A fome apareceu como situação vivenciada por muitos dos participantes dos grupos focais das três comunidades estudadas. Os conceitos e as terminologias como segurança alimentar, fome e comida boa foram bem compreendidos, no entanto, comida variada, comida suficiente e estratégia para evitar problemas com comida foram conceitos não compreendidos por eles. A rotina de vida desses povos baseia-se nas relações familiares que permitem trocas, diferindo de outros grupos focais da área urbana e rural, conduzidos como parte da validação da Escala Brasileira de Insegurança Alimentar, nos quais a dificuldade de acesso aos alimentos era conseqüência da falta de recursos financeiros. CONCLUS��O: São necessários novos e aprofundados estudos, qualitativos e quantitativos, para o desenvolvimento de um instrumento de mensuração de insegurança alimentar que reflita a realidade desses povos, ao mesmo tempo em que busquem fornecer resultados comparáveis com aqueles de outros povos indígenas e mesmo os obtidos pela Escala Brasileira de Insegurança Alimentar em outras populações. Será necessário um instrumento que contemple a questão da troca, o aspecto coletivo, a importância e o uso do ambiente

  7. Transtornos alimentares em homens abstinentes de substâncias psicoativas em tratamento ambulatorial

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cássia Medino Soares

    2017-01-01

    importante que sejam promovidas novas estratégias terapêuticas para o melhor atendimento nutricional dos indivíduos em abstinência.   Palavras-chave: Transtornos por Uso de Substância Psicoativa; Síndrome de Abstinência a Substâncias; Transtorno da Compulsão Alimentar; Transtornos Relacionados ao Uso de Cocaína; Dopaminérgicos; Alcoolismo, Obesidade.

  8. Transtorno alimentar e variáveis comportamentais relacionadas ao excercício físico em academia de ginástica

    OpenAIRE

    Weis, Andréia

    2013-01-01

    Resumo: O objetivo do estudo foi analisar variáveis comportamentais relacionadas ao exercício físico (compromisso ao exercício físico, modalidades praticadas, objetivos para prática e características de treinamento) em pessoas com transtorno alimentar frenquentadoras de uma academia de ginástica de Balneário Camboriú - SC. Participaram da pesquisa 239 indivíduos, sendo 139 mulheres (32,2, ±11,0 anos) e 100 homens (31,4, ±13,1 anos). Os sujeitos responderam o Teste de Atitudes Alimentares (EAT...

  9. Autoconsumo e segurança alimentar: a agricultura familiar a partir dos saberes e práticas da alimentação Self-consumption and food security: family agriculture based on eating knowledge and practices

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Renata Menasche

    2008-08-01

    Full Text Available OBJETIVO: Identificar e analisar as classificações e representações da alimentação, bem como as práticas de produção e consumo de alimentos entre agricultores e agricultoras da região do Vale do Taquari (Rio Grande do Sul, Brasil. MÉTODOS: Os dados e as informações foram obtidos a partir de entrevistas e observação participante, orientadas por um esquema metodológico qualitativo. Participaram da pesquisa, realizada em 2004 e 2005, 48 famílias rurais, de três diferentes localidades. Os recursos teórico-analíticos utilizados foram os da antropologia da alimentação e da abordagem da reciprocidade. RESULTADOS: Entre as famílias estudadas é significativa a produção de alimentos para autoconsumo, sendo as mulheres as principais responsáveis por sua obtenção. As práticas alimentares, embora tenham sofrido modificações, em função da modernização da agricultura e da incorporação de produtos industrializados, guardam especificidades locais e estão relacionadas a diversas expressões de sociabilidade, como a circulação de alimentos e a realização de festas comunitárias, que, impregnadas por simbolismos, atualizam um modo de vida e têm garantido segurança alimentar. CONCLUSÃO: As práticas de produção para autoconsumo das famílias estudadas estão associadas à sua segurança alimentar e, desse modo, às suas estratégias de reprodução social. A circulação de alimentos e as escolhas alimentares expressam relações de sociabilidade e de identidade nas comunidades rurais estudadas. Aspectos socioculturais e distintos níveis de relações sociais apresentam-se em transformação, podendo colocar em risco a segurança alimentar das famílias. Tais processos inspiram a realização novos estudos.OBJECTIVE: To identify and to analyze eating classifications and representations as well the food production and consumption practices among farmers from Vale do Taquari (Rio Grande do Sul, Brazil. METHODS: The data

  10. Validation of the portuguese version of the Questionnaire on Eating and Weight Patterns: revised (QEWP-R for the screening of binge eating disorder Validação da versão em português do Questionário sobre Padrões de Alimentação e Peso: revisado (QEWP-R para o rastreamento do transtorno da compulsão alimentar periódica

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria Beatriz Ferrari Borges

    2005-12-01

    -Revisado e, posteriormente, foram entrevistadas com o módulo para transtornos alimentares da Entrevista Clínica Estruturada para o DSM-IV (SCID-I/P. As taxas de transtorno da compulsão alimentar periódica e de diagnósticos subclínicos obtidas pelo Questionário sobre Padrões de Alimentação e Peso-Revisado foram comparadas às obtidas pela Entrevista Clínica Estruturada para o DSM-IV. RESULTADOS: Na identificação de compulsão alimentar (independente da presença de todos os elementos necessários para o diagnóstico de transtorno da compulsão alimentar periódica, a versão em português do Questionário sobre Padrões de Alimentação e Peso-Revisado apresentou sensibilidade de 0,88, especificidade de 0,63 e valor preditivo positivo de 0,825. Já para o diagnóstico de transtorno da compulsão alimentar periódica, o questionário apresentou sensibilidade = 0,548, especificidade = 0,8 e valor preditivo positivo de 0,793. CONCLUSÕES: O Questionário sobre Padrões de Alimentação e Peso-Revisado, em sua versão para o português, mostrou ser um instrumento útil na detecção de prováveis casos de compulsão alimentar. Pode ser utilizado como escala de rastreamento ou ainda como primeiro passo na avaliação clínica de pacientes que procuram tratamento para compulsão alimentar e/ou obesidade.

  11. Uso de edulcorante como palatabilizante na dieta de leitões desmamados

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fabio Enrique Lemos Budiño

    2014-01-01

    Full Text Available Objetivou-se determinar os efeitos da adição de um edulcorante a base de Stevia rebaudiana como palatabilizante em dietas de leitões desmamados sobre o desempenho (ganho diário de peso, consumo diário de ração e conversão alimentar e a incidência de diarreia. Foram utilizados 72 leitões, homogêneos quanto à linhagem (Large White x Landrace, desmamados aos 23 dias de idade, pesando em média 7,60 ± 0,90 kg. Foi utilizado o delineamento em blocos completos casualizados, sendo que a unidade experimental foi constituída por dois animais, submetidos a quatro tratamentos com nove repetições cada. Os animais, em grupos de dois (macho castrado e fêmea foram alojados em baias metálicas suspensas. O desempenho dos leitões foi avaliado no período I (23 a 37 dias de idade, período II (37 a 51 dias de idade, período III (51 a 65 dias de idade e período total (23 a 65 dias de idade. Os tratamentos consistiram de rações contendo níveis crescentes (0,00; 0,125; 0,250 e 0,500% de inclusão de edulcorante. Esses níveis de inclusão foram utilizados nos períodos I e II, enquanto no período III as inclusões de edulcorante foram reduzidas em 50%, ou seja, 0,00, 0,0625, 0,125 e 0,250%, respectivamente. Não ocorreram casos graves de diarreia nos primeiros 15 dias do ensaio nos tratamentos estudados. Não foram observadas diferenças significativas (P>0,05 em nenhuma das variáveis de desempenho estudadas nos períodos I, II e total. Durante o período III, houve efeito quadrático tanto no ganho diário de peso (P=0,0158 quanto na conversão alimentar (P=0,0252. A adição de palatabilizante a base de Stevia na dieta de leitões desmamados influenciou o desempenho destes dos 51 aos 65 dias de idade, sendo que o nível ótimo calculado de inclusão do edulcorante que proporcionou melhores ganho diário de peso e conversão alimentar foi de 0,265 e 0,286%, respectivamente.

  12. Hábito alimentar de escolares adolescentes de um município do oeste do Paraná Food habits of adolescent students from a municipality in western Paraná, Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marcia Cristina Dalla Costa

    2007-10-01

    Full Text Available OBJETIVO: Este estudo objetivou identificar o padrão de consumo alimentar de 2562 escolares de 14 a 19 anos das escolas urbanas, públicas e particulares, do município de Toledo, Paraná, bem como os fatores associados à classe econômica e ao sexo. MÉTODOS: Para caracterizar o consumo alimentar utilizou-se Questionário de Freqüência de Consumo Alimentar validado. A análise estatística foi realizada seguindo os grupos da pirâmide alimentar, e as associações das variáveis foram realizadas pelo teste Qui-quadrado com nível de significância de 5%. RESULTADOS: Os alimentos que apresentaram maior consumo em cada grupo foram: pão e arroz, alface e tomate, banana e laranja, leite integral e desnatado, carne de gado e frango, feijão, margarina e maionese, açúcar e balas/doces. A associação da freqüência de consumo com a renda familiar foi significante entre os mais pobres para os grupos dos pães, cereais, raízes e tubérculos, das leguminosas e dos óleos e gorduras. Entre os mais ricos encontram-se os grupos das hortaliças, das frutas, dos leites e produtos lácteos. Quanto ao sexo, as meninas consomem mais alimentos dos grupos das hortaliças e dos açúcares e doces, já entre os meninos prevalece o consumo de leite, leguminosas, óleos e gorduras. CONCLUSÃO: Esses resultados mostram diferença de consumo entre os sexos e sugerem que a renda famíliar associa-se ao consumo alimentar dos escolares.OBJECTIVE: The objective of this study was to identify the food intake patterns of 2562 students aging from 14 to 19 years from public and private schools of the municipality of Toledo, Paraná, Brazil. Associations between intake patterns and gender and intake patterns and social class were also investigated. METHODS: A validated food frequency questionnaire was used to characterize food intake. Statistical analysis was based on the food guide pyramid and the variables associated with the chi-square test, using a significance

  13. Distúrbios alimentares e sua associação com erosão e cárie dentária em adolescentes

    OpenAIRE

    Brandt, Lorenna Mendes Temóteo

    2015-01-01

    Os prejuízos na saúde bucal de indivíduos portadores de distúrbios alimentares vêm sendo investigados, trazendo consigo questões discordantes quanto ao comprometimento dos dentes. Diante disso, realizou-se um estudo transversal controlado, com o objetivo de avaliar a ocorrência de erosão e cárie dentária em adolescentes mulheres, de 15 a 18 anos, em risco de estarem sofrendo de distúrbios alimentares e compará-las a adolescentes saudáveis. A amostra probabilística foi compos...

  14. Grupo psicoeducativo multifamiliar no tratamento dos transtornos alimentares na adolescência Grupo psicoeducativo multifamiliar y tratamiento de adolescentes con trastornos de la conducta alimentaria Multifamily psycho-educational group and treatment of adolescents with eating disorders

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Manoela Nicoletti

    2010-03-01

    Full Text Available A proposta deste artigo é apresentar o grupo psicoeducativo multifamiliar do ambulatório do Programa de Atendimento, Ensino e Pesquisa em Transtornos Alimentares da Infância e Adolescência - PROTAD - do Instituto de Psiquiatria, do Hospital das Clínicas, da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo, PROTAD-AMBULIM-HC-IPq-FMUSP, como uma das modalidades do tratamento multidisciplinar oferecidas a pacientes adolescentes com transtornos alimentares e a suas famílias. O artigo baseia-se na experiência dos encontros mensais da equipe, nos quais participam os familiares e cuidadores dos pacientes adolescentes com transtornos alimentares do ambulatório, e expõe o modelo de grupo psicoeducativo empregado, relacionando-o aos achados da literatura e à prática clínica.La propuesta de este artículo es presentar el grupo psicoeducativo multifamiliar del ambulatorio del Programa de Atención, Enseñanza e Investigación en Trastornos Alimentarios en la Infancia y en la Adolescencia - PROTAD - del Instituto de Psiquiatría del Hospital de las Clínicas de la Facultad de Medicina de la Universidad de São Paulo, PROTAD-AMBULIM-HC-IPq-FMUSP, como una de las modalidades de tratamiento multidisciplinario proporcionado por PROTAD a pacientes adolescentes con trastornos alimentarios y a sus familias. En especial, el artículo parte de la experiencia obtenida en los encuentros mensuales con la participación de familiares y cuidadores de los pacientes adolescentes con trastornos alimentarios del ambulatorio y expone el modelo de grupo psicoeducativo aplicado, relacionándolo a los modelos encontrados en la literatura médica y a la práctica clínica.The psycho-educational multifamily group is part of a multidisciplinary treatment offered to adolescents with eating disorders and their families, in the out-patient Program for Children and Adolescents with Eating Disorders - PROTAD - of the Institute of Psychiatry, of Hospital das Cl

  15. Food Consumption and Iron Intake of Pregnant and Reproductive Aged Women Consumo alimentar e ingestión de hierro por mujeres embarazadas y en edad reproductiva Consumo alimentar e ingestão de ferro de gestantes e mulheres em idade reprodutiva

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ana Paula Sayuri Sato

    2010-04-01

    Full Text Available This study compares the eating habits and consumption of natural and fortified iron sources in pregnant and reproductive aged women. This cross-sectional study was developed in a health center located in São Paulo, SP, Brazil. We studied 61 women, of which 30 were pregnant. A food frequency questionnaire and a 24-hour recall instrument were used. The main natural sources of iron were beans and greens, although fortified foods were also an important source. There was little statistically significant difference between the food consumption of pregnant and non-pregnant women. Inadequate intake of iron, folate and calcium was observed in both groups. Non-pregnant women meet the iron recommendation, considering the iron added in fortified foods, though pregnant women do not. These results suggest the need for mixed strategies: food fortification, iron supplements for pregnant women and nutritional instruction for women in general.Comparar la práctica alimentar y el consumo de alimentos fuentes de hierro, naturales y fortificados, de mujeres en edad reproductiva, gestantes o no, constituye el objetivo de esta investigación. Se trata de un estudio transversal, desarrollado en un centro de salud del municipio de Sao Paulo, en el cual participaron 61 mujeres, siendo 30 gestantes. Se utilizó un cuestionario de frecuencia de consumo alimentar y un recordatorio de 24h. Las principales fuentes naturales de hierro fueron frijoles y hojas verdes. Alimentos fortificados también tuvieron participación importante. Hubo una pequeña diferencia estadísticamente significativa entre el consumo alimentar de las gestantes y no gestantes. Se observó inadecuación del consumo de hierro, folato y calcio en los dos grupos. Las mujeres no gestantes atenderían la demanda de hierro, considerándose el adicional recomendado para la fortificación de las harinas, sin embargo, las gestantes no. Hay necesidad de implementar estrategias combinadas: fortificación de los

  16. Aspectos motivacionais em programas de mudança de comportamento alimentar Motivational aspects in programs of nutritional behavior changes

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria Alice Altenburg de Assis

    1999-04-01

    Full Text Available Este trabalho procurou reunir as informações concernentes às questões da adesão e motivação de indivíduos em programas de intervenção alimentar que visam à mudança do comportamento. Foram considerados os artigos publicados a partir de 1990, abordando inicialmente uma definição de termos sobre complacência, aderência, motivação, manutenção, recaída e lapso, palavras comumente utilizadas nos estudos sobre mudanças de comportamento. O tema fatores que interferem nas escolhas alimentares e na aderência à dieta trata genericamente, dos aspectos que determinam os hábitos e as preferências alimentares e tece considerações sobre as questões que permeiam a relação profissional-paciente. A seguir foram abordadas as principais teorias motivacionais que fundamentam os programas de intervenção alimentar e algumas considerações sobre a aplicação destas teorias num programa de intervenção nutricional. O "estado da arte" dos programas de intervenção nutricional que visam à mudança do comportamento alimentar, apresentado nas publicações relatadas, aponta para a necessidade da utilização e integração dos modelos da teoria social cognitiva e treinamento profissional para aquisição de habilidades técnicas para motivar as pessoas na realização das mudanças desejáveis.This article is a review of the most recent publications related to the motivation and adherence factors in nutritional intervention programs directed toward behavioral changes. The review included papers published since 1990. The initial part of the article presents the definitions of several terms commonly associated with researches on the behavioral change area, such as adherence, complacence, motivation, maintenance and relapse. Afterwards, the authors present information related to the factors that have been found to interfere in food choices and those that may determine the nutricional habits. The patient - professional relationship is also

  17. Distribuição de transtornos alimentares em indivíduos com diabetes melito do tipo 1 e do tipo 2: descrição de dois casos Distribution of eating disorders in subjects with type 1 and type 2 diabetes mellitus: a description of two cases

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marcelo Papelbaum

    2007-04-01

    Full Text Available A presença de alterações do comportamento alimentar parece estar aumentada no diabetes melito (DM. Entretanto, a distribuição das diversas categorias de transtornos alimentares tende a se distinguir de acordo com a fisiopatologia do diabetes. O objetivo dessa apresentação é discutir dois casos distintos de ocorrência de transtornos alimentares no DM do tipo 1 (DM1 e no DM do tipo 2 (DM2. A paciente A é do sexo feminino, tem 19 anos e apresenta DM1 desde os 13 anos. Evidenciava sintomas depressivos proeminentes e, há 2 anos, passou a apresentar episódios de compulsão alimentar seguidos de vômitos auto-induzidos e omissão das doses de insulina com o objetivo de evitar ganho de peso. Em função desse comportamento, apresentou diversas internações associadas a uma piora do controle glicêmico. Após o uso de fluoxetina, houve remissão da psicopatologia alimentar e melhora do controle do DM. A paciente B possui 42 anos e é portadora do DM2 há 6 anos. Apresenta obesidade grau II e vinha exibindo, antes mesmo do diagnóstico do DM2, episódios de compulsão alimentar na ausência de comportamentos compensatórios, que prejudicavam o controle metabólico do diabetes. Foi iniciada fluoxetina até a dose de 60 mg/dia, com remissão do descontrole alimentar, perda ponderal e redução da hemoglobina glicosilada. A incidência de transtornos alimentares no DM1 estaria associada com um aumento da preocupação com a forma corporal e a possibilidade da omissão do uso da insulina como comportamento compensatório. No DM2, a obesidade seria um dos fatores associados ao desenvolvimento da psicopatologia alimentar.The presence of changes in eating behavior seems to be increased in diabetes mellitus (DM. However, the distribution of varied categories of eating disorders tends to be distinguished according to the physiopathology of diabetes. The objective of this report is to discuss two distinct cases of eating disorders in type 1 (T1DM and

  18. Apple pomace from eleven cultivars: an approach to identify sources of bioactive compounds = Bagaço de maçã de 11 cultivares: uma abordagem identificando fontes de compostos bioativos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Mariana Fátima Sato

    2010-01-01

    ólicos totais, de açúcares redutores totais e de fibras alimentares das amostras analisadas. O total de fibras dietéticas se constituiu de 35% de pectina e 65% defibras insolúveis. O teor de compostos fenólicos totais (CFT, determinado com o reagente de Folin-Ciocalteu e expresso como catequina, variou de 2,29 a 7,15 g kg-1 de bagaço de maçã e a capacidade antioxidante, expressa como valores de total de equivalentes (TEAC, variou de 17,41 a 77,48 mMol g-1. Foi observada uma correlação de 82% entre estes dois atributos de qualidade. A análise dos componentes principais identificou a significância doscompostos fenólicos totais, capacidade antioxidante, fibras totais e açúcares redutores totais na qualificação das amostras de bagaço de maçã como fonte de compostos bioativos. A cultivar M-2/00 apresentou maior teor de compostos fenólicos e capacidade antioxidante e avariedade Catarina está mais relacionada aos teores de pectinas enquanto as cultivares MRC 11/95, M-12/00, M-8/00, M6/00 e M-11/00 apresentam teores mais elevados de ácido málico e açúcares redutores totais. As demais cultivares apresentaram teores elevados de fibras, cinzas e lipídios.

  19. Aleitamento materno e caracterização dos hábitos alimentares na primeira infância: experiência de São Tomé e Príncipe

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Diana e Silva

    2014-09-01

    Full Text Available Objetivos: avaliação da amamentação, da diversificação e frequência alimentar, em crianças de São Tomé e Príncipe (STP. Métodos: trata-se de uma amostra constituída por 1285 crianças. O protocolo incluiu a prevalência do aleitamento materno exclusivo (AME e Total (AMT, início da diversificação alimentar (DA e um questionário de frequência alimentar. O tratamento estatístico foi efetuado no SPSS®. Os resultados foram apresentados de acordo com o total da amostra. Resultados: 45,5% são do sexo feminino e a média de idades 26±18 meses. 46,6% fez AME até aos 6 meses (média 5±2. A média de AMT foi 12±7 meses e o início da DA aos 6±3 meses (mediana=6, sendo as farinhas e a canja de peixe os primeiros alimentos oferecidos. 42% das crianças são incluídas na dieta familiar aos 7±3 meses (mediana=6. Elevada porcentagem de crianças nunca ingere: leite de vaca (74% ou iogurte (40%, contrariamente ao elevado consumo de óleo alimentar (34% e açúcar (33%. A idade média de iniciação da cerveja é aos 18±12 meses e vinho de palma 13±10 meses. Conclusões: observa-se uma elevada prevalência de AME e uma precoce introdução da DA. Embora existam recursos alimentares disponíveis, não há informação/ formação adequada para elaborar um plano alimentar saudável durante a infância.

  20. Comer, alimentar e nutrir: categorias analíticas instrumentais no campo da pesquisa científica Eating, nourishment and nutrition: instrumental analytic categories in the scientific research field

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria Cláudia da Veiga Soares Carvalho

    2011-01-01

    Full Text Available Comer, alimentar ou nutrir circulam na nossa cultura, aproximadamente, como sinônimos e desse modo não dão conta das transformações que vêm ocorrendo na alimentação, que desejadas ou indesejadas contam com um hibridismo de padrões que representa uma mudança tanto de regras como de preferências alimentares. O objetivo do artigo é tornar essas concepções de senso comum categorias de análise e interpretação para pesquisas das Ciências Humanas e da Saúde, numa perspectiva teórica, através da conceituação. Neste espaço interdisciplinar da Nutrição e das Ciências Sociais, o alimento aparece associado a uma função natural (biológica, numa concepção em que natureza se contrapõe à cultura, e a comida assume sentidos e significados culturais (simbólicos. A alimentação expressa divisão do trabalho, da riqueza, é criação histórico-cultural através da qual se pode estudar uma sociedade. Atribui-se à Nutrição um sentido de ação racional, oriundo da constituição dessa ciência na modernidade, inserida num processo histórico de racionalização científica do comer e do alimentar-se. Consideramos que através da conceituação na prática interdisciplinar de pesquisa, que envolve um espaço compartilhado de saberes, podemos ser menos limitados por um modelo teórico uniformizado de saber e mais livres para pensar questões sobre a vida.Eating, nourishment or nutrition circulate in our culture as synonyms and thus do not account for the changes that occur in nourishment, which intended or unintended, have a hybridization pattern that represents a change of rules and food preferences. This paper aims to take these common sense conceptions as analytic categories for analyzing and interpreting research for the Humanities and Health Sciences in a theoretical perspective, through conceptualization. The food is associated with a natural function (biological, a concept in which nature is opposed to culture, and

  1. Eating behavior and body image among psychology students Comportamento alimentar e imagem corporal entre estudantes de Psicologia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria Lúcia Magalhães Bosi

    2009-01-01

    Full Text Available OBJECTIVE: To characterize eating habits and possible risk factors associated with eating disorders among psychology students, a segment at risk for eating disorders. METHOD: This is a cross-sectional study. The questionnaires Bulimic Investigatory Test Edinburgh (BITE, Eating Attitudes Test (EAT-26, Body Shape Questionnaire (BSQ and a variety that considers related issues were applied. Statistical Package for the Social Sciences (SPSS 11.0 was utilized in analysis. The study population was composed of 175 female students, with a mean age of 21.2 (DP ± 3.6 years. RESULTS: A positive result was detected on the EAT-26 for 6.9% of the cases (CI95%: 3.6-11.7%. The prevalence of increased symptoms and intense gravity, according to the BITE questionnaire was 5% (CI95%: 2.4-9.5% and 2.5% (CI95%: 0.7-6.3%, respectively. According to the findings, 26.29% of the students presented abnormal eating behavior. The population with moderate/severe BSQ scores presented dissatisfaction with corporal weight. CONCLUSION: The results indicate that attention must be given to eating behavior risks within this group. A differentiated gaze is justified with respect to these future professionals, whose practice is jeopardized in cases in which they are themselves the bearers of installed symptoms or precursory behavior.OBJETIVO: Caracterizar práticas alimentares e possíveis fatores de risco associados a transtornos do comportamento alimentar entre estudantes de Psicologia, segmento de risco para o surgimento de transtornos alimentares. MÉTODO: Estudo seccional utilizando-se os questionários Bulimic Investigatory Test Edinburgh (BITE, Eating Attitudes Test (EAT-26 e Body Shape Questionnaire (BSQ, utilizando-se, ainda, uma variável que considera os dois primeiros instrumentos associados, sendo a análise feita através do Statistical Package for the Social Sciences (SPSS 11.0. Foram analisadas 175 estudantes do sexo feminino, com uma média de idade de 21,2 (DP ± 3

  2. CARACTERIZAÇÃO FÍSICO-QUÍMICA DE SEMENTES DE NONI

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Danielle Martins Lemos

    2015-09-01

    Full Text Available Este trabalho teve como objetivo caracterizar sementes de noni com resíduos de polpa e sementes de noni sem resíduos de polpa quanto aos parâmetros físico-químicos. Foram determinadas nas amostras o pH, acidez total titulável, teor de água, cinzas, lipídios, proteínas, amido, açúcares totais, redutores e não redutores, cor e atividade de água. Verificou-se a partir dos parâmetros avaliados que as sementes de noni com resíduos de polpa apresentaram resultados diferentes das sementes sem resíduos de polpa, com maiores valores de teor de água, atividade de água, minerais, acidez, açúcares redutores, lipídios e luminosidade. As sementes sem resíduos de polpa apresentaram valores superiores de proteínas e amido. As amostras com resíduos de polpas são mais claras e com menores intensidades de vermelho e de amarelo. Palavras-chave: análise química, análise física, Morinda citrifolia.

  3. TENDÊNCIAS alimentar ea obesidade JUVENTUDE NO PAQUISTÃO

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Anjum Hashmi

    2013-06-01

    Full Text Available Contexto: A epidemia de obesidade decolou por volta de 1980 e em quase todos os países tem vindo a aumentar inexoravelmente desde então. Só em 1997 foi que aceitam que este era um problema de saúde pública. Também está se tornando um importante problema de saúde pública entre as crianças do Paquistão devido a mudanças no estilo de vida e outros fatores. O aumento da prevalência da obesidade na infância e seus riscos à saúde concomitante justificam os esforços para a prevenção generalizada. Embora tanto a dieta e atividade física têm sido enfatizadas como as intervenções apropriadas, existem dados limitados sobre as tendências em alimentos e nutrientes consumidos nos jovens paquistaneses, devido à falta de dados consistentes recolhidos a nível nacional, o estudo enfoca o papel da dieta na prevenção da obesidade . Objetivos: Analisar os vários tipos de tendências alimentares em jovens levando a obesidade em jovens de escolas urbanas de alta do Paquistão. Métodos: Um estudo transversal foi conduzido entre 01 de janeiro de 2008 a 30 de Junho de 2009, em Hyderabad. Um total de 504 homens e mulheres estudantes de seis a dez grade foram selecionados por amostragem aleatória simples. Eles foram entrevistados por coletores de dados treinados através de questionário dieta. As medidas antropométricas foram realizadas com instrumentos calibrados com a idade eo sexo do IMC específicos pontos de corte de acordo com a OMS, referência de crescimento. Resultados: A prevalência de sobrepeso (percentil> 85 e obesidade (percentil> 95 foi de 23% e 15% entre os meninos, respectivamente, enquanto que nas meninas a prevalência de sobrepeso e obesidade foi de 16% e 8% respectivamente. A cintura com as taxas de quadril (RCQ é outra medida de obesidade central, juntamente com o IMC. Uma percentagem significativa de meninas (86% e meninos (85% tiveram RCQ anormal. Cerca de 83% das crianças não trouxe qualquer almoço / lanche na

  4. Indústria moderna e padrão alimentar: o espaço do trabalho, do consumo e da saúde Modern factory and dietary pattern: the space of work, consumption and health

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Solange Veloso Viana

    2009-12-01

    Full Text Available O presente trabalho tem por objetivo evidenciar a Política de Produção como uma estrutura relevante para a construção de uma complexa teia de processos que conformam o padrão alimentar de um segmento operário e seus problemas de saúde associados à alimentação. Fundamentado na técnica do estudo de caso, o trabalho desenvolve-se numa fábrica do Polo Petroquímico de Camaçari, privilegiando uma abordagem centrada na experiência vivida pelos trabalhadores. Nesse sentido, coloca-se sob a perspectiva das relações sociais, organizando-se em torno das dimensões geral, particular e singular, de modo a elucidar dinâmicas que, situadas em diferentes níveis, articulam-se aos processos de produção e reprodução do padrão alimentar e dos problemas de saúde. Para a coleta de dados, foram utilizados como instrumentos uma entrevista semiestruturada, um questionário autoaplicável, além de uma ficha para registro dos problemas de saúde associados à alimentação. Os resultados, problematizados à luz dos diferentes espaços explicativos, evidenciam os processos mais gerais do contexto fabril, passando pelos processos modeladores do padrão alimentar, até as formas de percepção e conduta em face desses problemas. Conclui com uma discussão sobre o conflito vivido pelo grupo em relação ao modelo de cuidado implementado pela fábrica, às estratégias de superação dos processos que reproduzem seu padrão alimentar e os problemas de saúde a ele associados.The objective of this paper is to show that the Production Policy is a relevant structure to build a complex net of processes which configure the dietary patterns of a working segment and its health problems associated with diet. Based on the case study technique, the work was developed at a factory in the Petrochemical Complex of Camaçari, focusing on an approach centered on the workers' experience. In this way, it is centered on the perspective of social relations, organized

  5. Método de determinação de açúcares redutores aplicável no sistema de pagamento de cana-de-açúcar Method for determination of reducing sugar applicable on sugarcane payment system

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Eliza Mitiko Isejima

    2002-05-01

    Full Text Available O objetivo deste trabalho foi avaliar um método colorimétrico de análise de açúcares redutores (AR baseado na sua reação com cloreto de trifenil tetrazólio, de rápida execução, que pudesse ser aplicado nas usinas de cana-de-açúcar. Como a pureza do caldo de cana apresenta alta correlação com AR, desenvolveu-se, neste trabalho, uma equação de regressão linear (AR/RJ que foi comparada com as de São Paulo (AR/SP e Paraíba (AR/PB. A equação AR/SP, adotada atualmente no Rio de Janeiro, apresentou inclinação muito acentuada em comparação com as demais; isto indica a necessidade de se criar equação própria para cada região produtora de cana-de-açúcar.This work aimed to evaluate a colorimetric method of reducing sugar (RS analysis based on its reaction with triphenyl tetrazolium chloride, which is of fast operation and suitable to be applied in the sugarcane mills. As the purity of sugarcane juice presents high correlation with RS, an equation of linear regression (RS/RJ was developed, and it was compared to other equations developed in São Paulo (RS/SP and Paraíba (RS/PB. The RS/SP equation, which is currently adopted in Rio de Janeiro, showed a higher downward slope in comparison to the others, indicating the need to create an equation, which is proper to each sugarcane producing region.

  6. Itens alimentares no consumo alimentar de crianças de 7 a 10 anos Food items in the food intake of children aged seven to ten years

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Patrícia de Fragas Hinnigi

    2012-06-01

    Full Text Available OBJETIVO: Descrever os itens alimentares mais representativos para o consumo total de energia, carboidratos, proteínas e lipídios de crianças de 7 a 10 anos. MÉTODOS: Elaborou-se uma lista com todos os alimentos consumidos com suas respectivas quantidades e quantificou-se a composição da dieta em energia e macronutrientes. A lista foi baseada em informações fornecidas pelo preenchimento de três Diários Alimentares (DA por 85 escolares de 7 a 10 anos que frequentavam uma escola pública na cidade de São Paulo. Obteve-se o agrupamento dos alimentos em 129 itens, calculou-se o percentual de contribuição de cada item no consumo alimentar dos nutrientes e identificaram-se aqueles que contribuíram com até 95% da ingestão total de calorias e dos nutrientes selecionados. RESULTADOS: Os itens "Arroz branco, arroz à grega, arroz com legumes" e "Feijão marrom, preto, branco, lentilha" contribuíram de forma importante para o consumo de energia e carboidratos. O item "Leite integral fluido, leite integral em pó" foi representativo para o consumo de lipídios, além de proteínas e energia. Ressalta-se a importância no consumo em energia e carboidratos das bebidas doces (refrigerantes e sucos industrializados na dieta deste grupo populacional. CONCLUSÕES: É evidente a participação do arroz no consumo alimentar total de energia e carboidratos; do feijão em energia, carboidratos e proteínas; do leite em energia, proteínas e lipídios; carnes em energia, proteínas e lipídios; e pão em energia e carboidratos. Merece destaque a participação das bebidas doces no consumo total de energia e carboidratos e das guloseimas no consumo total de lipídios.OBJECTIVE: To describe the most representative food items regarding the total intake of energy, carbohydrates, proteins and lipids in children with ages between 7 and 10 years. METHODS: A list was prepared with all food intake and quantities, and the diet composition in relation to energy

  7. Educação popular, saúde e segurança alimentar em áreas do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra

    OpenAIRE

    Bianca RÜCKERT; Marília Carla de Mello GAIA

    2014-01-01

    Este artigo analisa o desenvolvimento de uma ação educativa em segurança alimentar e nutricional envolvendo o Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra, na região Metropolitana de Belo Horizonte, Minas Gerais. A partir do registro da experiência, enfatizou-se a metodologia da ação, os saberes mobilizados e as mudanças nas práticas de saúde, segurança alimentar e produção agropecuária dos sujeitos envolvidos. As reflexões apontam para alguns elementos da metodologia que contribuíram para o ...

  8. Consumo alimentar e ecologia de populações ribeirinhas em dois ecossistemas amazônicos: um estudo comparativo Food intake and ecology of riverine populations in two Amazonian ecosystems: a comparative analysis

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rui Sérgio Sereni Murrieta

    2008-08-01

    Full Text Available OBJETIVO: Este artigo analisa e compara os dados de consumo alimentar de duas populações ribeirinhas da Amazônia vivendo em ecossistemas contrastantes de floresta tropical: a várzea estacional e a floresta de terra firme. MÉTODOS: Foi estudado o consumo alimentar de 11 unidades domésticas na várzea (Ilha de Ituqui, Município de Santarém e 17 na terra firme (Floresta Nacional de Caxiuanã, Municípios de Melgaço e Portel. O método utilizado foi o recordatório de 24 horas. As análises estatísticas foram executadas com o auxílio do programa Statistical Package for Social Sciences 12.0. RESULTADOS: Em ambos os ecossistemas, os resultados confirmam a centralidade do pescado e da mandioca na dieta local. Porém, a contribuição de outros itens alimentares secundários, tais como o açaí (em Caxiuanã e o leite in natura (em Ituqui, também foi significante. Além disso, o açúcar revelou ser uma fonte de energia confiável para enfrentar as flutuações sazonais dos recursos naturais. Parece haver ainda uma maior contribuição energética dos peixes para a dieta de Ituqui, provavelmente em função da maior produtividade dos rios e lagos da várzea em relação à terra firme. Por fim, Ituqui revelou uma maior dependência de itens alimentares comprados, enquanto Caxiuanã mostrou estar ainda bastante vinculada à agricultura e às redes locais de troca. CONCLUSÃO: Além dos resultados confirmarem a importância do pescado e da mandioca, também mostraram que produtos industrializados, como o açúcar, têm um papel importante nas dietas, podendo apontar para tendências no consumo alimentar relacionadas com a atual transição nutricional e com a erosão, em diferentes níveis, dos sistemas de subsistência locais.OBJECTIVE: This article analyses and compares data on household food intake of two Amazonian riverine populations settled in different rain forest ecosystems: terra firme (land not subject to annual flooding forest and

  9. COMPONENTES QUÍMICOS DA FARINHA DE BANANA (Musa sp. OBTIDA POR MEIO DE SECAGEM NATURAL

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    João Miguel de Moraes Neto

    1998-12-01

    Full Text Available RESUMO Objetivando-se obter farinha de baixo custo e seu possível aproveitamento como alimento adicional para as crianças das creches e escolas da zona rural, banana verde e madura foram submetidas a secagem natural, durante 18 horas. As bananas maduras sofreram secagem adicional em estufa a 60ºC, durante 24 horas; posteriormente, avaliou-se a composição química da farinha por meio das análises de cinzas, carboidratos totais, açúcares redutores e proteínas. A análise estatística revelou que, para os percentuais de açúcares redutores e carboidratos totais, ocorreram diferenças significativas entre os tratamentos, enquanto para os demais percentuais não se evidenciou tal efeito.

  10. Etiologia dos transtornos alimentares: aspectos biológicos, psicológicos e sócio-culturais Etiology of eating disorders: biological, psychological and sociocultural determinants

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Christina M Morgan

    2002-12-01

    Full Text Available Os transtornos alimentares possuem uma etiologia multifatorial, composta de predisposições genéticas, socioculturais e vulnerabilidades biológicas e psicológicas. Entre os fatores predisponentes, destacam-se a história de transtorno alimentar e (ou transtorno do humor na família, os padrões de interação presentes no ambiente familiar, o contexto sociocultural, caracterizado pela extrema valorização do corpo magro, disfunções no metabolismo das monoaminas centrais e traços de personalidade. A dieta é o comportamento precursor que geralmente antecede a instalação de um transtorno alimentar. Contudo, a presença isolada da dieta não é suficiente para desencadear o transtorno alimentar, tornando-se necessária uma interação entre os fatores de risco e outros eventos precipitantes. Por último, o curso transitório ou crônico de um transtorno alimentar está relacionado à persistência de distorções cognitivas, à ocorrência de eventos vitais significativos e a alterações secundárias ao estado de desnutrição.Eating disorders have a multifactorial etiology, composed by genetic predisposition, sociocultural factors, and biological and psychological vulnerabilities. Among the predisposing factors, emphasis is given to a history of eating and/or mood disorders, personality traits, patterns of family interaction, alterations in brain monoamines and sociocultural overvalued drive for thinness. Dieting is the most frequently event present at the onset of an eating disorder. Nevertheless, dieting itself is not sufficient to precipitate an eating disorder. An interaction among risk factors and other precipitating events is necessary. Finally, the chronic or transitory course of an eating disorder is related to the persistence of distorted cognitions, to the occurrence of significant vital events, and to starvation-induced psychobiological alterations.

  11. Agentes comunitários de saúde da zona leste do município de São Paulo: um olhar para seu estado nutricional e consumo alimentar - doi:10.5020/18061230.2008.p3

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Alexanndra Corrêa de Freitas

    2012-01-01

    Full Text Available Objetivo: Caracterizar o perfil sócio-demográfico, o estado nutricional, a presença de doenças crônicas não-transmissíveis e o consumo alimentar de agentes comunitários de saúde (ACS pertencentes a cinco Unidades de Saúde da Família da Zona Leste do Município de São Paulo. Métodos: Tratou-se de um estudo quantitativo, descritivo e exploratório desenvolvido com 88 indivíduos. Coletaram-se dados sobre a situação sócio-demográfica, dados antropométricos(peso, estatura e circunferência da cintura, informações sobre presença de doenças crônicas não-transmissíveis e de consumo alimentar. Resultados: Os participantes dessa pesquisa eram predominantemente do sexo feminino 83 (94,3%, com idade variável entre 20 e 55 anos. A maioria era natural da região Sudeste 72 (81,2%, possuía ensino médio concluído 71 (80,7% e tinha renda familiar entre 2 e 5 salários mínimos 62 (70,4%. A avaliação antropométrica revelou que 46 (52,3% estavam eutróficos, 41 (46,6% com excesso de peso e 41 (46,6% apresentavam risco elevado ou muito elevado para doenças cardiovasculares, apesar de 77 (87,5% não terem referido qualquer doença crônica não-transmissível. Quanto ao consumo alimentar, encontrou-se consumo diário de arroz, feijão, pão e margarina ou manteiga e baixo consumo de leite e derivados, frutas, verduras e legumes. As carnes bovina e de frango eram as mais consumidas. O café apareceu como bebida de maior consumo diário, seguido do suco artificial. As frituras e doces eram consumidos semanalmente por 34,9% e 53,4% dos ACS, respectivamente. Conclusão: O excesso de peso e a obesidade abdominal foram os principais acometimentos à saúde dos ACS, tendo, ambos, estreita relação com suas práticas alimentares inadequadas; as quais também estavam relacionadas às suas características sócio-demográficas. NCT00682604.

  12. Métodos de avaliação do consumo alimentar de gestantes: uma revisão Review of methods of dietary assessment during pregnant

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Renata Labronici Bertin

    2006-01-01

    Full Text Available As alterações fisiológicas causadas pela gravidez modificam as necessidades nutricionais e a ingestão alimentar de gestantes. A utilização correta de instrumentos que proporcionem o conhecimento do consumo alimentar no decorrer deste ciclo de vida torna-se relevante por permitir diagnosticar possíveis carências e excessos nutricionais. O objetivo da investigação foi realizar uma revisão bibliográfica sobre métodos de avaliação do consumo alimentar de gestantes. Os estudos analisados foram selecionados em bases eletrônicas de dados e publicados no período de 1994 a setembro de 2004, no Brasil e no exterior. Este artigo procura descrever e analisar os distintos métodos e os principais resultados dos estudos sobre determinação do consumo alimentar de gestantes, entre os quais destacam-se: recordatório de 24 horas (R24h, registro alimentar, questionário de freqüência de consumo alimentar e história alimentar. Os resultados apontam que o R24h foi o método mais freqüente, entretanto, seu uso muitas vezes não ultrapassa dois dias de investigação e nem leva em consideração finais de semana. A preferência por esse método está associada a sua praticidade e custo/benefício. Pode-se concluir que para obtenção de resultados seguros, a escolha do método e do desenho do estudo deve estar sempre relacionada com os objetivos da pesquisa.Physiological pregnancy changes impact nutritional needs and food intake. The adequate use of tools providing knowledge of food consumption during this life cycle is relevant because it enables the diagnosis for possible nutrition deficits and excesses. The objective of the survey was to perform a bibliographic review on food intake assessment methods during pregnancy. The literature reviewed was selected from an electronic database published between 1994 and September 2004 in Brazil and abroad. This article aims at describing and assessing the different methods and main results of studies

  13. Proposta metodológica para o módulo de consumo alimentar pessoal na pesquisa brasileira de orçamentos familiares Methodological proposal for the individual food intake module of the Brazilian household budget survey

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Edna Massae Yokoo

    2008-12-01

    Full Text Available As alterações que vêm ocorrendo no cenário epidemiológico brasileiro, nas últimas décadas, resultam de profundas modificações sociais e econômicas que incluem, entre outros aspectos, mudanças nos hábitos de alimentação. No Brasil, o único estudo que investigou o consumo alimentar da família com abrangência nacional foi o Estudo Nacional sobre Despesa Familiar, em 1974-1975. Embora sejam de utilidade incontestável, estudos nacionais de consumo alimentar são onerosos e poucos países conseguem desenvolvê-los regularmente. Por outro lado, as pesquisas de orçamentos familiares são importantes fontes de dados de disponibilidade de alimentos no domicílio, a qual é inferida a partir do registro da compra de produtos alimentícios. As recentes modificações nos hábitos de consumo, particularmente, a realização de refeições fora do domicílio constituem limitações para a utilização de dados das pesquisas brasileira de orçamentos familiares como estimativa do consumo alimentar. Assim, o governo brasileiro propôs que a próxima pesquisa de orçamento familiar, a ser desenvolvida em 2008-2009, incluísse um módulo de consumo alimentar individual. As informações sobre o consumo dietético individual serão utilizadas para completar os dados sobre compra de alimentos. O objetivo deste trabalho é relatar a construção e o desenvolvimento da metodologia a ser utilizada no módulo de consumo alimentar individual da pesquisa de orçamento familiar 2008-2009. Os dados a serem obtidos serão combinados com as informações de disponibilidade de alimentos no domicílio para estimar o consumo alimentar usual individual.The changes that have been happening in the Brazilian epidemiological scenario in the last decades result from deep social and economic modifications that include, among other things, changes in dietary habits. In Brazil, the only study that investigated family food consumption nationally was the National Family

  14. Binge eating disorder, anxiety, depression and body image in grade III obesity patients Compulsão alimentar periódica, ansiedade, depressão e imagem corporal em pacientes com obesidade grau III

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria Isabel R Matos

    2002-02-01

    -R, Inventário de Depressão de Beck ("Beck Depression Inventory" - BDI, o Inventário de Traço e Estado de Ansiedade ("State - Trait Anxiety Inventory" - STAI e Questionário de Forma Corporal ("Body Shape Questionnaire" - BSQ. RESULTADOS: Nesta população, as freqüências de TCAP e CAP foram de 36% e 54%, respectivamente. Sintomas depressivos se mostraram presentes em 100% dos pacientes, sendo que 84% apresentavam sintomatologia grave. A freqüência de ansiedade como traço foi de 70% e como estado, de 54%. A preocupação com a imagem corporal esteve presente em 76% dos pacientes. A freqüência de TCAP foi maior nos pacientes com alto grau (escore >40 de ansiedade como traço de personalidade, mas não como estado (46% vs. 13%; p140 na avaliação do BSQ. CONCLUSÃO: Nossos resultados demonstram a ocorrência de alta freqüência de episódios de compulsão alimentar periódica, sintomas depressivos graves, ansiedade e preocupação com a imagem corporal em pacientes com obesidade grau III.

  15. Determinação das fontes alimentares de Anopheles aquasalis (Diptera: Culicidae no Estado do Rio de Janeiro, Brasil, pelo teste de precipitina Blood-meal sources of Anopheles aquasalis (Diptera: Culicidae in a South-eastern State of Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Carmen Flores-Mendoza

    1996-04-01

    Full Text Available Anopheles aquasalis é um mosquito ora encarado como antropofílico, ora como zoofílico ou eclético. Realizou-se estudo em Guapimirim, Estado do Rio de Janeiro, de maio a novembro de 1992, com o intuito de se verificar a fonte alimentar preferida desse anofelino através de teste imunológico de precipitina. De 1.366 fêmeas capturadas em abrigos naturais, 725 estavam ingurgitadas. O conteúdo digestivo de apenas 473 delas reagiu no teste de precipitina, sendo que em 75,3% dos casos foi identificada apenas uma fonte alimentar. Mais da metade dessas fêmeas havia se alimentado em boi (52,2%, enquanto poucas tinham sugado homem (1,1%. Por outro lado, 24,7% dos espécimes haviam se alimentado em mais de uma fonte sangüínea, principalmente boi e cavalo. Conclui-se que An. aquasalis é zoófilo nessa região do País, utilizando grande variedade de hospedeiros, porém preferindo se alimentar em animais de grande porte, especialmente o boi e cavalo.Anopheles aquasalis has shown local variations in blood-host preference in Brazil: it seems to be anthropophilic in the northeast and zoophilic or opportunistic in the Amazon and other regions. A study was carried out in Guapimirim county, State of Rio de Janeiro, from May to November 1992, for the purpose of identifying the blood meal source of this anopheline by capillary tube precipitin test. A total of 1,366 females were captured at natural resting-places, 725 of which were blood-fed. The gut content of 473 blood fed females reacted to the antisera used (human, cow, horse, pig, dog and chicken. The majority of the females ¾ 356 (75.3% ¾ had blood from only one source. A substantial bovine preference was observed ¾ 52.2% had fed on cows, 29.8% on horses, 10.7% on pigs, 4.5% on chickens and 1.7% on dogs, but only few had fed on man (1.1% and none on rats. On the other hand, 24.7% of the females had fed on more than one host, mainly on cows and horses. It was assumed that An. aquasalis is zoophilic

  16. Hábito e consumo alimentar de estudantes do curso de Nutrição das faculdades de Montes Claros – Minas Gerais

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Júnia Karla Aquino

    2015-06-01

    Full Text Available Os hábitos alimentares se iniciam na infância, permanecem durante a vida adulta e sofrem modificações com a inserção do acadêmico na universidade devido às mudanças de seu cotidiano. O objetivo deste trabalho foi analisar o hábito e consumo alimentar dos acadêmicos do curso de Nutrição das Universidades de Montes Claros - Minas Gerais, por meio da aplicação do Questionário de Frequência Alimentar e ficha de anamnese. A amostra foi composta por acadêmicos do 1° e 2° período em um total de 64,0%; e do 7° e 8° período, 36,0%. Com idades até 24 anos, 78,0%; acima de 25 anos, 24,0%, de ambos os sexos. Quanto ao consumo dos grupos alimentares, os acadêmicos apresentaram inadequado consumo dos grupos de alimentos protetores à saúde: as frutas, legumes e verduras, leguminosas, carnes e ovos, leite e seus derivados. Finalmente, concluiu-se que apesar da população do estudo ser composta por acadêmicos do curso de nutrição, nem sempre o que se aprende na teoria é efetivado na prática, mesmo conhecendo os benefícios à saúde. Por isso é necessário aprofundar mais o debate sobre esse tema durante a formação dos nutricionistas e mostrar a importância de incorporar no seu cotidiano o aprendido sobre a alimentação saudável, visando uma melhor qualidade de vida

  17. "E quando o paciente não quer comer?" um estudo sobre as queixas alimentares de crianças com distúrbios de apetite

    OpenAIRE

    Ferraz, Aline Oliveira

    2006-01-01

    Esta pesquisa objetivou estudar a alimentação à luz da teoria winnicottiana, para compreender as queixas alimentares de crianças com distúrbios do apetite no contexto da clínica fonoaudiológica. O hiato entre a queixa materna e a demanda do próprio paciente fundamentou o interesse em entender os significados do distúrbio alimentar, a partir de uma perspectiva relacional. As dificuldades em torno da alimentação indicaram a necessidade de ultrapassar um olhar clínico voltado exclusivamente à fu...

  18. Determinantes psicobiológicos do comportamento alimentar: uma ênfase em fatores ambientais que contribuem para a obesidade

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Teresa Cristina Bolzan Quaioti

    2006-01-01

    Full Text Available O comportamento alimentar é multideterminado e somente uma análise psicobiológica é capaz de abordar as interações entre os fatores fisiológicos, psicológicos, genéticos e condições ambientais de um indivíduo. Assim, a capacidade para controlar a ingestão requer mecanismos especializados para harmonizar informações fisiológicas do meio interno com informações nutricionais do ambiente externo. Dentre os fatores externos merece destaque a questão ligada à propaganda de alimentos e a influência cada vez maior da mídia na determinação da dieta dos indivíduos de países desenvolvidos ou em desenvolvimento. Assim, o presente trabalho tem por objetivo analisar as influencias dos fatores ambientais na determinação do comportamento alimentar humano, com especial ênfase naqueles fatores que podem predispor à obesidade.

  19. Efeito da utilização de complemento alimentar em idosos atendidos em um ambulatório na cidade de São Paulo

    OpenAIRE

    Borrego, Carolina de Campos Horvat; Cantaria, Juliana dos Santos

    2013-01-01

    OBJETIVO: Verificar o efeito da utilização de complemento alimentar na população idosa atendida pelo setor de nutrição de um ambulatório na cidade de São Paulo, por meio da evolução do peso e do Índice de Massa Corpórea (IMC) desses pacientes. MÉTODOS: A amostra foi composta de idosos com 60 anos ou mais, de ambos os sexos, que fazem uso de complemento alimentar prescrito pelas nutricionistas do setor. As variáveis estudadas foram: gênero, idade, peso, estatura, IMC, patologias mais frequente...

  20. Relação entre renda e consumo alimentar habitual de β-caroteno, vitamina C e vitamina E de crianças

    OpenAIRE

    de Paiva-Bandeira, Geovanna T; Rios-Asciutti, Luiza S; Rivera, Amélia A; Rodrigues-Gonçalves, Maria da Conceição; Pordeus-de-Lima, Rafaella C; Marinho-Albuquerque, Tarciane; de-Morais, Ronei Marcos; de Toledo-Vianna, Rodrigo Pinheiro; de-Oliveira, Adyla Farias; Teixeira-Lima, Roberto; de Carvalho-Costa, Maria J

    2011-01-01

    Objetivo Analisar a relação entre renda e consumo alimentar de b-caroteno, vitamina C e vitamina E em crianças na cidade de João Pessoa, Brasil. Método Foram avaliadas 183 crianças com idade entre 2 e < 10 anos, em uma amostra representativa estratificada por níveis de renda da população de João Pessoa. O instrumento de pesquisa consistiu de questionários que abordaram aspectos sócio-econômicos, demográficos, antropométricos e de consumo alimentar. Analisou-se os resultados com o software R, ...

  1. Índice e histologia gonadal em reprodutores de frangos de corte da linhagem Avian Farm submetidos à restrição alimentar

    OpenAIRE

    Drummond,Cristina Delarete; Murgas,Luis David Solis; Bertechini,Antonio Gilberto; Rodenas,Carolina Elizabeth O.; Maciel,Mônica Patrícia; Alvarenga,Ana Luisa N.; Sousa,Sara Zardini de

    2004-01-01

    Nos reprodutores de frangos de corte, a restrição alimentar precoce é usada para limitar o ganho de peso corporal e otimizar o desempenho reprodutivo. Conduziu-se este trabalho com o objetivo de avaliar o efeito da utilização da restrição alimentar no período de 14 a 121 dias de idade das aves sobre o índice gonadal e histologia testicular em galos reprodutores de corte. Foram avaliados os seguintes tratamentos: controle; 6 dias de alimentação e 1 não (6:1); e 5 dias de alimentação e 2 não (5...

  2. Pirâmide alimentar para gestantes eutróficas de 19 a 30 anos A food guide pyramid for well-nourished pregnant women aged 19 to 30 years

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Franklin Demétrio

    2010-10-01

    Full Text Available Objetivo O objetivo deste estudo foi desenvolver uma pirâmide alimentar adaptada para as gestantes eutróficas na faixa etária de 19 a 30 anos, fundamentada nas diretrizes do guia alimentar para a população bra-sileira. Métodos A construção da pirâmide alimentar foi baseada em dois planos alimentares (2.188kcal referentes ao primeiro trimestre gestacional e 2.502kcal para o segundo e terceiro trimestres gestacionais calculados segundo reco-mendações para esse grupo. Resultados A distribuição percentual dos macronutrientes no plano alimentar proposto para o primeiro trimestre é de: 12% de proteínas, 62% de carboidratos e 26% de lipídeos. No segundo e terceiro trimestres gestacionais os percentuais obtidos são de: 11% para proteínas, 60% para carboidratos e 29% para lipídeos. As porções e os equivalentes foram estabelecidos a partir de adaptações do total energético de cada alimento obtido por Philippi et al. e disponível no guia alimentar para a população brasileira. Os alimentos estão organizados em oito grupos na pirâmide alimentar, independentemente do período gestacional, variando apenas a quantidade de porções recomendada. Conclusão Espera-se que a pirâmide alimentar desenvolvida seja útil aos profissionais de saúde na atenção pré-natal, favoreça a orientação alimentar e nutricional e contribua para promover a adequação do estado de nutrição e saúde da gestante eutrófica, além de contribuir também para reduzir a ocorrência de baixo peso ao nascer, prematuridade e macrossomia.Objective This study aimed at developing a food guide pyramid for well-nourished pregnant women aged 19 to 30 years based on the food guide for the Brazilian population. Methods This food guide pyramid was constructed around two food plans: 2,188kcal for the first trimester of pregnancy and 2,502kcal for the second and third trimesters, calculated according to the recommendations for this population. Results The

  3. Consumo alimentar de beneficiários do programa Bolsa Família

    OpenAIRE

    Alan Giovanini de Oliveira Sartori

    2014-01-01

    A expansão do consumo de alimentos submetidos a elevado grau de processamento em países em desenvolvimento é notória. Em paralelo, observa-se o aumento na prevalência de excesso de peso e de comorbidades associadas. O fenômeno também tem sido observado em famílias consideradas pobres que recebem benefício financeiro de programa federal de transferência condicionada de renda. O objetivo geral foi analisar o consumo alimentar de beneficiários do Programa Bolsa Família (PBF). Foi elaborado um si...

  4. Fatores de risco cardiovascular e consumo alimentar em cadetes da Academia da Força Aérea Brasileira

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fernanda Elisabete Hilgenberg

    2016-04-01

    Full Text Available Resumo O objetivo deste artigo é investigar a prevalência de fatores de risco cardiovascular e inadequações de consumo alimentar em cadetes da Academia da Força Aérea Brasileira e a associação com sexo e ano de formação. Estudo transversal com 166 cadetes da Academia da Força Aérea Brasileira, em Pirassununga – SP, entre junho e dezembro de 2013. Foram avaliadas medidas antropométricas, parâmetros bioquímicos e clínicos, nível de atividade física, tabagismo e consumo alimentar. Testes de Qui-Quadrado de Pearson ou Exato de Fisher foram utilizados. A prevalência de excesso de peso (IMC >25,0 kg/m2 foi de 29,7% nos homens e de 16,7% nas mulheres. Hipertensão arterial foi prevalente em 15,2% dos homens. Verificou-se hipercolesterolemia em 50,7% dos cadetes; 24,3% apresentaram valores elevados de lipoproteína de baixa densidade e, 11,2%, lipoproteína de alta densidade baixa. Houve associação entre tempo de permanência na Academia e lipoproteína de alta densidade baixa. Observou-se consumo elevado de gorduras saturadas (87,2% e de colesterol (42,7%. A ingestão inadequada de fibras foi verificada em 92,7% da amostra. Observou-se considerável prevalência de fatores de risco cardiovascular entre os cadetes, principalmente hipercolesterolemia e consumo alimentar inadequado.

  5. Recuperação da desnutrição em ratos mediante rações adicionadas ou não de suplemento alimentar e de vitaminas e minerais durante o período de crescimento

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Guzmán-Silva Maria Angélica

    2004-01-01

    Full Text Available OBJETIVOS: O propósito deste estudo foi analisar experimentalmente a eficiência da suplementação alimentar da dieta do Município de Quissamã, RJ, em recuperar a desnutrição durante o período de crescimento. MÉTODOS: Foram utilizados 42 Rattus norvegicus, desmamados ao 26º dia e induzidos à desnutrição por 21 dias (ração hipoprotéica 2%, ad libitum. Os animais foram distribuídos em sete grupos, alimentados com suas respectivas dietas, todas isoprotéicas (10% e isoenergéticas (350Kcal/100g. Foi registrado o peso dos animais e, após o sacrifício, foram coletados e pesados fígado, rins, baço e intestino. RESULTADOS: O ganho ponderal médio no 28º dia do controle suplemento alimentar (75,33g foi significativamente inferior aos demais grupos, e o do controle suplemento alimentar e vitaminas+minerais foi o mais elevado (213,17. Quase todos os grupos diferenciaram-se estatisticamente no peso médio de fígado, rins e baço; os órgãos do controle suplemento alimentar apresentaram o menor peso (respectivamente 3,34g; 0,97g; 0,24g sendo significativamente inferior aos demais grupos. O controle suplemento alimentar e vitaminas+minerais apresentou o maior peso médio do fígado (13,85g. O Controle vitaminas+minerais apresentou o maior peso médio dos rins (1,88g e do baço (0,87g. O número de placas de Peyer/animal variou de nove a treze, sem diferenças entre os grupos; o tamanho das placas de Peyer do controle suplemento alimentar (2,6mm foi significativamente inferior aos demais grupos. O Quissamã suplemento alimentar apresentou as maiores placas de Peyer (4,4mm. O controle suplemento alimentar apresentou sempre valores inferiores para todos os parâmetros estudados comparativamente, já que não foram adicionados à sua ração vitaminas e minerais. CONCLUSÃO: A dieta de Quissamã, RJ experimentalmente alcança as necessidades mínimas para promover a recuperação da desnutrição, sendo desnecessária a adição de

  6. Análise de interações medicamentosas e alimentares em pacientes com AIDS em uso da TARV associada à terapia de resgate

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Adriana Antônia Cruz Furini

    2016-07-01

    Full Text Available A combinação de antirretrovirais da terapia de resgate na Síndrome da Imunodeficiência Adquirida aumenta os riscos de interações medicamentosas e alimentares. Este estudo teve como objetivo analisar o risco de interações medicamentosas e alimentares no uso da terapia antirretroviral com medicamentos do resgate por 40 pacientes com AIDS de um Hospital quaternário da região Noroeste paulista. Trata-se de um estudo exploratório-descritivo de abordagem quantitativa e qualitativa, realizado no período entre2012 e 2013. Os pacientes foram entrevistados através de questionário elaborado pela equipe multidisciplinar de saúde. As entrevistas foram realizadas pela equipe de farmacêuticos. As interações foram avaliadas por bases de dados informatizados. O esquema composto por darunavir, enfuvirtida, lamivudina, raltegravir e ritonavir foi o mais utilizado (32,5% pelos pacientes. Os antirretrovirais que mais apresentaram risco de interações alimentares foram ritonavir, darunavir e tenofovir, em 31 (77,5%, 29 (72,5% e 21 (52,5% pacientes, respectivamente. Foram identificados 87 tipos de potenciais interações medicamentosas, e sete foram classificadas como de nível maior. Neste estudo todas as prescrições apresentaram riscos para interações medicamentosas e demonstraram a importância do monitoramento pela equipe multidisciplinar. Contudo, a maioria das interações medicamentosas foi benéfica, decorrentes da potencialização do efeito terapêutico em consequência do sinergismo entre os fármacos da terapia antirretroviral. A interação entre farmacêuticos e prescritores pode contribuir para a farmacoterapia racional e segura do paciente.Palavras-chave: Síndrome de Imunodeficiência Adquirida. HIV. Antirretrovirais. Interações de Medicamentos. Interações Alimento-Droga. ABSTRACTAnalysis of drug and food interactions in AIDS patients in use of ART associated with rescue therapyThe combination of antiretroviral agents of

  7. Da dieta à reeducação alimentar: algumas notas sobre o comer contemporâneo a partir dos programas de emagrecimento na Internet From diet to eating re-education: some notes on the contemporary eating based on weight loss programs on the Internet

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ligia Amparo da Silva Santos

    2010-01-01

    Full Text Available O texto tem como objetivo refletir sobre o comer contemporâneo, partindo de um estudo sobre estratégias educativas utilizadas pelos programas de emagrecimento oferecidos via Internet, o qual detecta uma possível transição da ideia de fazer dieta para a de reeducação alimentar. Identifica que a principal mensagem preconizada pelos sites é "emagrecer, de uma forma saudável, equilibrada e natural, através da adoção de novos hábitos alimentares, em que se pode comer de tudo, sem privações e sacrifícios, com prazer, sem privar-se da vida social", e que os mesmos utilizam o conjunto das estratégias combinando três elementos fundamentais: o estímulo e motivação com um forte apoio psicológico e de marketing; "comer de tudo" com a promessa de não abrir mão do prazer e o "sem passar fome" como controlar o apetite. O texto ainda discute aspectos sobre a ressignificação do comer, da comida e dos alimentos que passam pela construção de uma nova distinção alimentar. Finaliza destacando que o momento atual parece construir bases que sustentam a disciplina alimentar contemporânea. Esta nova disciplina, se assim pode-se denominar, transpõe da negação plena do comer, presente nas dietas tradicionais, para uma tentativa de afirmação da dieta, a partir do resgate da dimensão do prazer em comer.The paper aims to reflect on contemporary eating based on a study on educational strategies used by weight-loss programs offered through the Internet, which detect a possible transition from the idea of dieting for the eating re-education. It identifies the main message put forward by the sites is "lose weight in a healthy, balanced and natural way, through the adoption of new eating habits, where you can eat everything without hardship and sacrifice, with pleasure, without deprivation of social life" and that they use the sort of strategies combining three elements: the encouragement and motivation with a strong psychological and

  8. Consumo alimentar de crianças atendidas em ambulatório de nutrição de unidade - doi:10.5020/18061230.2009.p81

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ingrid Rocha Ramalho

    2012-01-01

    Full Text Available Objetivo: Avaliar o padrão alimentar de crianças em seguimento ambulatorial, verificando os tipos de alimentos, o consumo energético e a distribuição de nutrientes. Métodos: Realizou-se um estudo documental, no período de janeiro de 2005 a dezembro 2007, em que foram analisados 75 recordatórios alimentares presentes nos prontuários de crianças com idade entre 2 e 10 anos. As variáveis estudadas foram hábito alimentar, consumo energético, distribuição de macronutrientes, de micronutrientes (cálcio, ferro e as vitaminas A, C, B1, B2 e fibras. Os testes exato de Fisher e Qui-quadrado foram usados para verificar associação entre o consumo alimentar e as variáveis estudadas. Resultados: Os alimentos mais consumidos consistiram de: leite, arroz, feijão, óleo e açúcar, e menor de frutas e verduras. Com relação ao consumo de energia, o estudo revelou que 8 (10,66% crianças ingeriam a quantidade recomendada, sendo que 32 (42,66% consumiam um valor inferior e 35 (46,66%, valor superior ao recomendado para sua idade, sexo e atividade física. Em relação aos carboidratos, proteínas e lipídios, observou-se que 59 (78,7%, 68 (90,7% e 39 (52% crianças encontravam-se de acordo com as respectivas DRI (dietetic references intake. O consumo de alimentos ricos em ferro esteve presente, mas houve pouco consumo de fontes de vitamina C. Conclusão: A avaliação dos recordatórios alimentares revelou uma dieta monótona e pouco diversificada, basicamente láctea, com consumo elevado de açúcares e de gordura e reduzido consumo de frutas e verduras.

  9. Taxa de adequação (ingestão/requerimento de energia como indicador do estado nutricional das famílias: uma análise crítica dos métodos aplicados em pesquisas de consumo de alimentos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Mauricio Teixeira Leite de Vasconcellos

    Full Text Available O artigo discute os problemas associados ao uso da taxa de adequação de energia como um indicador do estado nutricional, em estudos populacionais derivados de pesquisas domiciliares de consumo de alimentos. Para tanto, descreve o tratamento dos dados de consumo alimentar para estimar a ingestão familiar de energia e compará-la entre famílias, e com os requerimentos da família para determinar a taxa de adequação familiar de energia. O artigo discute, também, uso das recomendações internacionais sobre os requerimentos humanos de energia e suas limitações decorrentes da não-consideração das condições não-alimentares, dos mecanismos de adaptação, da inadequação das estimativas da taxa metabólica basal e da insuficiência de informações para avaliar o gasto energético das atividades físicas não-laborais nas pesquisas domiciliares consideradas. Para exemplificar aspectos da discussão desenvolvida, os dados do Estudo Nacional da Despesa Familiar (ENDEF realizado pelo IBGE, em 1974-1975, são usados. O artigo conclui que o uso principal da taxa de adequação é na identificação das famílias que sofrem de restrição alimentar.

  10. Feeding ecology in the small neotropical amphisbaenid Amphisbaena munoai (Amphisbaenidae in southern Brazil Ecologia alimentar da pequena anfisbaena neotropical Amphisbaena munoai (Amphisbaenidae no sul do Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Jorge S. Bernardo-Silva

    Full Text Available We analyzed the alimentary tract of 66 specimens of Amphisbaena munoai Klappenbach, 1969 from the Serra do Sudeste, state of Rio Grande do Sul, southern Brazil. Forty specimens (60.6% had prey items in their gut. The diet consisted mainly of small invertebrate prey, such as termites, insect larvae and ants. The most abundant prey item was termites, found in 62.5% of the non empty stomachs. The high number of individual prey items in the majority of stomachs, the small size of the regular prey items, and the absence of gut content in specimens of A. munoai kept alive for about two days, indicate that this species forages very frequently. The predominance of fossorial prey items and the occasional records of nomadic ants lead us to suggest that A. munoai usually feeds underground, and occasionally forages on the surface.Analisamos o trato digestório de 66 exemplares de Amphisbaena munoai Klappenbach, 1969 procedentes da Serra do Sudeste do Rio Grande do Sul, Brasil. Quarenta espécimes (60,6% possuíam presas. A dieta é composta basicamente de pequenos invertebrados, como térmitas, larvas de insetos e formigas. As presas mais abundantes foram térmitas, encontradas em 62,5% dos estômagos não vazios. O elevado número de presas em cada indivíduo na maioria dos estômagos, o tamanho pequeno de presas regulares e a ausência de itens alimentares em espécimes de A. munoai mantidas vivas por aproximadamente dois dias, indicam que está espécie é forrageadora freqüente. A predominância de itens alimentares fossórios e o encontro ocasional de formigas nômades nos permitem sugerir que A. munoai usualmente se alimenta abaixo da terra e ocasionalmente na superfície.

  11. Exploração de subprodutos de maçã como matérias-primas alternativas em formulações para Columba livia

    OpenAIRE

    Ferreira, João Manuel Silva Loureiro Alves

    2015-01-01

    O crescimento da população humana deverá continuar até 2050. Por este motivo, a competição por matérias-primas entre a nossa alimentação e a alimentação animal será inevitável, tornando importante o recurso a matérias-primas alternativas, provenientes dos excedentes da indústria alimentar, como o bagaço de maçã e o resíduo da filtração do sumo concentrado denominado por retentato de maçã. Dentro das gamas de produtos fabricados pela indústria da alimentação animal, temos as rações para pom...

  12. Prática alimentar e de atividade física em adolescentes obesos de escolas públicas e privadas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Lívia Freitas Campos

    2014-03-01

    Full Text Available Objetivo: Avaliar a prática alimentar e o nível de atividade física em adolescentes obesos de escolas públicas (EPu e privadas (EPr de Fortaleza-CE. Métodos: Estudo transversal realizado com 272 adolescentes de Epu e EPr, no período de abril de 2007 a maio de 2009. Aplicou-se um questionário contendo dados de identificação (idade, sexo, antropométricos (peso e altura, situação escolar, prática alimentar e nível de atividade física. Resultados: Dos avaliados, observou-se que 160 (58,8% eram do sexo feminino, com idade média de 16,5 anos (±1,31. Houve prevalência da obesidade moderada, com 85,5%, (n=171 na EPu e 76,4%, (n=55 na EPr. Não se constatou diferença entre o grau de obesidade e a rede escolar. Sobre a prática alimentar, 70,2% (n=190 consumiam menos de cinco refeições ao dia e 56,3% (n=153 não faziam o café da manhã, não tendo diferença entre as redes escolares. O consumo de frutas (10%; n=27 e vegetais (14,1%; n=38 foi baixo. Os estudantes das EPr consumiam mais refrigerantes (41,7%; n=30 do que os da EPu (28,5%; n=57; p=0,03. Constatou-se, que 47% (n=93 dos alunos da EPu e que 32,4% (n=27 da EPr não consumiam fast-food (p=0,02. Identificou-se que os adolescentes das EPu eram mais ativos do que os das EPr (77%; n=153 versus 54,2%; n=40; p=0,0002, mas essa diferença não mostrou associação com o grau de obesidade (p=0,88. Conclusão: Os adolescentes das escolas públicas e particulares apresentavam prática alimentar inadequada, havendo poucas diferenças entre eles. Os jovens das EPu apresentaram-se mais ativos que os das EPr, entretanto, este nível de atividade física não influenciou no grau de obesidade.

  13. Composição centesimal do fruto, extrato concentrado e da farinha da uva-do-japão Chemical composition of fruit, concentrated extract and flour from "Japanese grape"

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marlene Bampi

    2010-11-01

    Full Text Available A Hovenia dulcis, mais conhecida como uva-do-japão, pertence à família Rhamnaceae, é natural da China, Japão e Coréia, sendo largamente difundida no sul do Brasil. Rica em açúcares e bem aceita para consumo humano, pode ser consumida in natura ou processada. Não há na literatura relatos de seu aproveitamento em produtos alimentícios. O presente trabalho teve por objetivo determinar a composição centesimal do fruto, do extrato concentrado e da farinha. Foram obtidos teores em torno de 54,08, 52,44 e 19,08g 100g-1 para umidade; 2,16, 4,09 e 4,48g 100g-1 para cinzas; 3,74, 2,77 e 5,73g 100g-1 para proteína bruta; 1,42, 0,37 e 1,82g 100g-1 para extrato etéreo; 12,56, 3,33 e 25,62g 100g-1 para fibra alimentar; 19,46, 37,34 e 42,53g 100g-1 para açúcares totais, além do valor calórico de 105,56, 165,14 e 216,09kcal 100g-1, respectivamente, em fruto, extrato concentrado e farinha. A quantificação por cromatografia líquida confirmou o conteúdo dos açúcares redutores (frutose, 6,15g 100g-1 e glicose, 6,57g 100g-1 superior ao teor de açúcares não redutores no fruto (sacarose, 3,56g 100g-1. A farinha é rica em açúcares e possui elevado teor de fibra alimentar, podendo ser utilizada como um ingrediente alternativo em produtos de panificação. Em termos sensoriais, o extrato concentrado obteve um índice de aceitabilidade de 82% entre os julgadores, apresentando bom potencial para elaboração de geleias.Hovenia dulcis, whose popular name is Japanese grape, belongs to the family Rhamnaceae, native of China, Japan and Korea, is widely distributed in southern Brazil. Rich in sugar and with good acceptance for human consumption it can be consumed fresh or processed. There are no literature reports of its use in food products. The aim of this study was to determine the chemical composition of the Japanese grape fruit, concentrated extract and flour. The contents for moisture (54.08, 52.44 e 19.08g 100g-1, ash (2.16, 4.09 e 4.48g

  14. Consumo alimentar e gasto energético em adolescentes obesos e eutróficos Food consumption and energy expenditure in obese and non-obese adolescents

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Camila Dayrell

    2009-12-01

    Full Text Available OBJETIVO: Comparar, entre adolescentes obesos e eutróficos, variáveis relacionadas ao consumo alimentar e ao gasto energético. MÉTODOS: Estudo transversal com 23 adolescentes recrutados em escolas e centros de recreação de São Paulo (SP, distribuídos em dois grupos: 11 obesos e 12 eutróficos. Foram avaliados: peso corporal, estatura, índice de massa corporal, circunferência da cintura, massa magra e massa gorda (estimados por bioimpedância elétrica, três recordatórios alimentares de 24 horas, estimativa do gasto energético diário a partir de três métodos (recordatórios de atividade física, fórmulas preditivas e calorimetria indireta, gasto energético de repouso e a potência aeróbia. RESULTADOS: O gasto energético diário dos obesos foi maior, porém a ingestão alimentar se assemelhou à dos eutróficos. Não foram encontradas diferenças no gasto energético de repouso entre os grupos, porém a potência aeróbia foi maior nos eutróficos. A dieta de ambos os grupos não foi considerada saudável, mas os obesos apresentaram menor consumo de vários alimentos considerados saudáveis, como hortaliças. Observou-se discrepância na análise do gasto energético diário, quando se adotaram diferentes métodos. CONCLUSÕES: Os adolescentes apresentaram padrão alimentar associado ao risco de obesidade e doenças crônicas. Mais estudos são necessários para identificar melhores métodos para avaliar seu gasto energético. É urgente a busca de estratégias de educação nutricional específicas para esse grupo etário.OBJECTIVE: To compare food consumption and energy expenditure between obese and non-obese adolescents. METHODS: This cross-sectional study comprised 23 adolescents recruited from schools and recreation centers from São Paulo (SP, Brazil, distributed in two groups: 11 obese and 12 non-obese. The following variables were analyzed: body weight, height, body mass index, waist circumference, fat and lean mass

  15. A segurança alimentar e nutricional e o uso da abordagem de direitos humanos no desenho das políticas públicas para combater a fome e a pobreza Food and nutritional security and the use of a human rights-based approach on the development of public policies to fight hunger and poverty

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria de Fátima Machado de Albuquerque

    2009-12-01

    Full Text Available Este ensaio tem como objetivo enfatizar a importância da utilização da abordagem de direitos humanos no desenho das políticas públicas para combater a fome e a pobreza no Brasil. Inicialmente foi apresentado um marco teórico sobre o conceito de segurança alimentar e nutricional e o direito humano à alimentação adequada. Também foram identificadas as obrigações do Estado para a realização do direito humano à alimentação adequada, bem como o que se identifica como potenciais violações deste direito. Depois se buscou discutir o significado de uma abordagem baseada nos direitos e como esta abordagem pode contribuir para a promoção do direito à alimentação adequada. Foi realizada uma breve reflexão sobre a questão da (insegurança alimentar, suas diversas formas de avaliação e sobre a importância de investigar mais detalhadamente as repercussões desta questão sobre o indivíduo e a família, inclusive daquelas que participam de programas sociais.This essay aims to discuss the meaning of a human rights-based approach in the context of the public policies used in the fight against hunger and poverty in Brazil. Some aspects were presented such as the accepted concepts of food and nutritional security and the human right to appropriate nutrition. The obligations of the State to fulfill the human right to appropriate nutrition were also identified as well as that which is seen as potential violations of this right. Then, the meaning of a rights-based approach and how this approach can contribute to promote the right to appropriate nutrition were discussed. A concise reflection was done on the food (insecurity issue, its many ways of assessment and the importance of investigating in a more detailed manner the repercussions of this issue on individuals and families, including those who are benefited by social programs.

  16. INSEGURANÇA ALIMENTAR NA CIDADE DE MAPUTO EM 2008 E 2014

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ezequiel Alfeu Abrahamo

    2016-08-01

    Este estudio se basa en la comparación de los resultados del estudio realizado por AFSUN en 2008 con los niveles de inseguridad alimentar en la ciudad de Maputo en los años 2008 y 2014. La investigación se volvió hacia el método cuantitativo recomendado por Fonseca (2002, p. 37 y Denise y Gerhardt (2009, p. 37-39, utilizando un cuestionario como instrumento de recolección de datos. Se realizó una encuesta para recoger datos sobre 473 Hogares seleccionados en la muestra. Fueron seleccionados Hogares de los Distritos Municipales (DM de KaMpfumo, KaMaxaqueni, KaLhamanculo, KaMubukwane y KaMavota. Para garantizar la comparabilidad de los resultados en cada una de DM, fue seleccionada la misma proporción de los Hogares en comparación con la encuesta de la muestra hecho por AFSUN en 2008. En el análisis e interpretación de datos, hemos utilizado los siguientes indicadores, que fueron tomadas como variables analítica y, en particular indicador HFIAS, que le permite medir y evaluar el grado de inseguridad alimentaria durante el mes anterior a la encuesta y el indicador HFIAP. Los resultados procesados mediante el programa SPSS, mostraron que el nivel de los valores tabulados de los puntos (puntajes del indicador HFIAS es, en promedio, 3,9% y también muestran una "caída" de los valores, en comparación con el valor regis-trado en el estudio en 2008. Por otra parte, se tomaron de forma individual, las respuestas dadas sobre la situación de la inseguridad alimentaria en los cuatro meses anteriores a la encuesta para la que una comparación entre los resultados de los estudios realizados en 2008 y en 2014 muestra una tendencia de mejora de los niveles de inseguridad alimentaria de los encuestados, señalando que sólo el 18,4% de los encuestados “se preocuparan por no tener suficiente comida en las últimas cuatro semanas", y sólo alrededor del 16,7% de ellos eran incapaces de comer el tipo de alimento preferido por la falta de recursos financieros para

  17. Práticas de produção na indústria alimentar portuguesa

    OpenAIRE

    Oliveira, Maria; Silva, G. M.

    2017-01-01

    A qualidade é um dos fatores críticos na indústria alimentar (IA), resultante da legislação, das exigências dos consumidores e da concorrência e, também o critério mais importante para conseguir a lealdade dos consumidores (Dora, Kumar, Van Goubergen, Molnar & Gellynck, 2013). Alguns estudos empíricos na IA evidenciam melhorias da qualidade e da eficiência decorrentes da implementação de práticas lean (e.g., Scott, Wilcock & Kanetkar, 2009; Van Goubergen, Dora, Molnar & Gellynck, 2011). O...

  18. A influência da comorbidade com transtornos alimentares na apresentação de mulheres dependentes de substâncias psicoativas The impact of eating disorders as a comorbidity on psychoactive drug-dependent women seeking care

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Silvia Brasiliano

    2006-01-01

    Full Text Available A associação entre transtornos alimentares e dependência de substâncias é freqüente na prática clínica. Apesar de já existirem dados sugestivos de que essa associação possa sinalizar maior severidade nos distúrbios psiquiátricos e clínicos das pacientes, poucas pesquisas avaliaram sua influência no tratamento. Oitenta mulheres dependentes de álcool e drogas que procuraram tratamento em um programa exclusivo para mulheres foram avaliadas por meio da Entrevista Clínica Estruturada para o DSM-IV (SCID, do ASI, e de um questionário padronizado para a coleta de dados sociodemográficos e relativos ao uso de substâncias psicoativas. As 27 (33,75% pacientes que tinham transtornos alimentares presentes (grupo com TA foram comparadas com as 53 (66,25% que não tinham essa comorbidade (grupo sem TA. Os resultados mostraram que o grupo com TA teve problemas com drogas de maneira mais precoce, era significativamente mais jovem e tinha maior severidade no uso destas que o grupo sem TA. As diferenças encontradas, bem como a alta prevalência dos transtornos alimentares não formais, enfatizam a importância de uma avaliação detalhada dos transtornos alimentares em pacientes dependentes de substâncias psicoativas que buscam tratamento. A fim de planejar abordagens terapêuticas efetivas, essas diferenças e, principalmente, a influência da comorbidade entre transtornos alimentares e dependência de substâncias psicoativas no tratamento da dependência química precisam ser investigadas no futuro.The co-occurrence of eating disorders and substance use disorders is frequent in clinical settings. Although there are some data suggesting that this co-occurrence may signal greater psychiatric disturbances and greater medical risks, few studies have evaluated its impact on treatment course. Eighty drug dependent women who had sought treatment in a substance use gender-responsive program were assessed with the Structured Clinical Interview for

  19. Dieta e câncer gástrico: aspectos históricos associados ao padrão de consumo alimentar no estado do Pará Diet and gastric cancer: historical aspects associated with dietary patterns in the state of Pará, Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ana Lúcia da Silva Resende

    2006-08-01

    Full Text Available O câncer gástrico ainda constitui importante problema de saúde pública no estado do Pará, onde as taxas de mortalidade apresentam valores acima da média brasileira. As bases históricas de ocupação de espaço na Amazônia, bem como as relações econômico-sociais estabelecidas ao longo desse processo, marcaram o padrão alimentar desse Estado. Este trabalho tem por objetivo reconstruir as principais características do padrão alimentar dessa população no século passado. Procurou-se identificar todas as publicações científicas disponíveis que relacionavam dados sobre os hábitos alimentares dos residentes do Pará no século XX. A partir dessas publicações, foi possível caracterizar o padrão alimentar da população paraense no século XX, que incluía um elevado consumo de sal, utilizado na conservação de carnes e frutos do mar, um consumo relativamente reduzido e irregular de legumes e verduras e uma importante ingestão de glicídios, a partir da farinha de mandioca, muitas vezes adicionada de corantes artificiais. O padrão de dieta retratado, provavelmente comum a outras regiões da Amazônia, pode ser caracterizado, com base na literatura científica, como potencialmente favorecedor de certas condições associadas à carcinogênese gástrica. Nesse sentido, ele poderia ter contribuído, em parte, para a alta mortalidade por essa neoplasia registrada na região Norte.Gastric cancer still constitutes an important public health problem in the state of Pará, Brazil, where mortality rates are above the Brazilian average rates. The historical basis of occupation of the Amazon region, as well as the social-economic relations established during this process, have marked the dietary patterns of this state. The aim of this work is to reconstruct some of the main characteristics of the dietary pattern of the population of Pará in the last century. We sought to identify all the scientific papers that contained data on the

  20. Avaliação físico-química de um blend de laranja tangor ‘Ortanique’ e beterraba

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Danielle Martins Lemos

    2013-10-01

    Full Text Available Polpas de frutas podem ser utilizadas para elaboração de blends com características diferentes das matérias-primas originais, tendo por objetivo a melhoria das características sensoriais e nutricionais dos componentes isolados ou apenas a criação de novos produtos, cuja principal característica seja a diferenciação em relação aos produtos obtidos na natureza. Este trabalho foi realizado como o objetivo de se avaliar as características químicas e físico-químicas de blends elaborados a partir de polpa de tangor “Ortanique” e polpa de beterraba, com diferentes proporções de cada polpa. Os blends foram caracterizados quanto ao pH, o teor de sólidos solúveis totais, acidez total titulável, cinzas, teor de água, açúcares redutores, açúcares totais, açúcares não redutores e cor. A partir dos resultados obtidos observou-se que os blends de tangor e beterraba resultaram em amostras mais escuras com a elevação do teor de polpa de beterraba. O aumento na proporção de polpa de beterraba influenciou o pH, a acidez total titulável, o teor de água e os açúcares redutores. Aumentou com maior intensidade o teor de cinzas, os açúcares totais, os açúcares não redutores e o índice intensidade de vermelho, e reduziu a luminosidade.Palavras chave: hortaliças, frutas, Beta vulgaris, citrus

  1. Desenvolvimento de barras de cereais à base de aveia com alto teor de fibra alimentar Development of oat based cereal bars with high dietary fiber content

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luiz Carlos Gutkoski

    2007-06-01

    Full Text Available A barra de cereal é um alimento nutritivo de sabor adocicado e agradável, fonte de vitaminas, sais minerais, fibras, proteínas e carboidratos complexos. O trabalho objetivou estudar o efeito da concentração de fibra alimentar e de açúcar na calda em barras de cereais elaboradas à base de aveia com alto teor de fibra alimentar. No estudo foram utilizados flocos, farelo e farinha de aveia, do cultivar UPFA 22, selecionado com base no teor de fibras e beta-glucanas. Os ingredientes secos e ligantes foram adquiridos no comércio local e utilizados na proporção de 70 e 30%, respectivamente, em quantidades definidas a partir de testes laboratoriais. O experimento foi realizado em delineamento composto central rotacional aplicável à metodologia de superfície de resposta, sendo avaliado o efeito da concentração de açúcar na calda (70, 75 e 80 °Brix e do teor de fibra alimentar da formulação (12, 16 e 20% na composição química, valor calórico, atividade de água, microbiologia e características sensoriais das barras de cereais. Os resultados das variáveis respostas foram tratados por análise de regressão múltipla. E foram utilizados no modelo matemático de segunda ordem os termos lineares, quadráticos e de interação, significativos. A aveia pode ser utilizada como ingrediente na elaboração de barras de cereais por apresentar textura, sabor e aparência adequados. O uso de aveia na formulação possibilita produzir barras de cereais com alto teor de fibra alimentar e fonte de beta-glucanas. As barras de cereais apresentam propriedades sensoriais agradáveis, similares às industrializadas e melhor aceitas quando elaboradas com média concentração de açúcar na calda e altos teores de fibra alimentar. As barras de cereais apresentam baixa atividade de água e atendem às especificações sanitárias, sendo estáveis durante 60 dias de armazenamento.Cereal bars are a nutritional food of sweetened and acceptable flavor

  2. Ácidos graxos como marcadores biológicos da ingestão de gorduras Fatty acids as biological markers of fat intake

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Juliana dos Santos Vaz

    2006-08-01

    Full Text Available Os ácidos graxos da dieta têm sido associados ao desenvolvimento de doenças crônicas. Os inquéritos alimentares, utilizados em estudos clínicos e epidemiológicos para estimativa da ingestão de nutrientes, apresentam limitações na coleta de informações. Nesse sentido, a utilização da composição de ácidos graxos do plasma e do tecido adiposo como marcadores do tipo de gordura alimentar pode fornecer uma medida mais acurada da ingestão de gorduras. Esta pesquisa tem como objetivo evidenciar aspectos metabólicos de alguns ácidos graxos e o papel como marcadores da ingestão de gorduras, e apresentar as técnicas analíticas empregadas na sua determinação. A biópsia do tecido adiposo, com determinação da composição de ácidos graxos, fornece uma informação a longo prazo da ingestão de gorduras, enquanto que a avaliação da composição das frações lipídicas séricas representa a ingestão a curto e médio prazos. Os ácidos graxos essenciais, os ácidos graxos saturados com número ímpar de carbonos (15:0 e 17:0 e os ácidos graxos trans, por não apresentarem síntese endógena, são utilizados como marcadores biológicos da ingestão de gorduras ou de sua própria ingestão. As principais técnicas utilizadas para a determinação de ácidos graxos são a cromatografia gasosa e a cromatografia líquida de alta precisão. No presente momento, o uso de marcadores biológicos para a ingestão de gorduras, associados aos inquéritos alimentares, representa a forma mais completa de avaliação da ingestão de gorduras.Dietary fatty acids have been associated with the development of chronic diseases. The methods commonly used in dietary assessment for estimating nutrient intake in clinical and epidemiological studies present limitations regarding data collection. The use of plasma and adipose tissue fatty acid composition as markers of the type of fat ingested has been studied and can provide a more accurate measurement

  3. Consumo alimentar de população adulta residente em área rural da cidade de Ibatiba (ES, Brasil Consumption to feed of resident adult population in rural area of the city of Ibatiba (ES, Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Edilaine Oliveira Carvalho

    2011-01-01

    Full Text Available Trata-se de um estudo transversal no qual foi aplicado um questionário de frequência alimentar (QFCA em 150 adultos residentes em área rural da cidade de Ibatiba (ES. O QFCA classificou o consumo alimentar como: habitual (> 4 vezes na semana, não habitual (It is a transverse study where a questionnaire of alimentary frequency was applied (QAF in 150 adults resident of the rural area of the city of Ibatiba (ES, Brazil. QAF classified the alimentary consumption as: habitual (> 4 times in the week, not habitual (<4 times in the week and rarely (1 time a month, with objective of correlating the alimentary consumption with the chronic-degenerative diseases. The results evidenced a habitual consumption of rice, breads, stalk, bean, cow milk, animal fat, margarine, sugar and coffee, and a non habitual consumption of cake, potato, cookies, manioc, sweet potato, chayote, carrot, beet, pumpkin, juice of fruits, banana, orange, guava, mango and tangerine. It can be concluded that the feeding habit presented by the studied population it can come to increase in a medium or long period the prevalence and occurrences of chronic-degenerative diseases as hypertension, diabetes, obesity and coronary diseases. The alimentary consumption of this population needs concern, because when compared with the national patterns, it is observed some inadequacies, and it is known that this picture comes to every day causing damages the public health.

  4. Plantas transgênicas e seus produtos: impactos, riscos e segurança alimentar (Biossegurança de plantas transgênicas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Nodari Rubens Onofre

    2003-01-01

    Full Text Available Este trabalho aborda tópicos relacionados com plantas transgênicas, também chamadas de Organismos Geneticamente Modificados, alimentos derivados delas e segurança alimentar. As biotecnologias modernas são ferramentas de grande potencial de reprogramação dos seres vivos. Contudo, o maior problema na análise de risco destes organismos gerados pela biotecnologia é que seus efeitos não podem ser previstos em sua totalidade. Os riscos à saúde humana incluem aqueles inesperados, alergias, toxicidade e intolerância. No ambiente, as conseqüências são a transferência lateral de genes, a poluição genética e os efeitos prejudiciais a organismos não-alvo. O princípio da equivalência substancial, até agora utilizado, deveria ser abandonado em favor de um cientificamente embasado. Com a aprovação em janeiro de 2002 do Protocolo Internacional de Biossegurança, o princípio da precaução foi estabelecido como básico e a rotulagem tornou-se obrigatória. A percepção pública obriga empresas e cientistas a um maior uso da ciência na análise de risco antes do consumo destes alimentos.

  5. Práticas alimentares no primeiro ano de vida

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ana Paula Esmeraldo Lima

    2011-10-01

    Full Text Available O estudo buscou analisar a literatura publicada referente às práticas alimentares no primeiro ano de vida de filhos de mães adolescentes, por meio de uma revisão integrativa nas bases de dados Lilacs, Medline e Cochrane, no período de 2000 a 2010. Foram utilizadas as palavras-chave: adolescente, aleitamento materno, alimentação mista e nutrição do lactente, sendo selecionados onze artigos científicos, que compuseram a amostra do estudo. Os resultados apontaram a incipiência de pesquisas publicadas sobre o tema proposto, sobretudo para as que versam sobre alimentação complementar, desvelando uma lacuna na produção mundial sobre o tema. Novas pesquisas, portanto, precisam ser desenvolvidas com foco em mães adolescentes, devendo-se explorar a alimentação infantil em toda sua dimensão.

  6. Infância e alimentação: embalagens como engrenagem da indústria cultural (Childhood and food: food packaging as a gear of the cultural industry

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Juliana Schumacker Lessa

    2017-12-01

    Full Text Available Resumo: A partir do conceito de indústria cultural, na interface com os Estudos da Infância, este artigo é resultante da análise de embalagens de produtos alimentares voltados para as crianças, no confronto com a seguinte questão: como o processo de massificação, em que a infância toma lugar, dá-se a partir de uma dimensão básica e vital como a alimentação? Nos limites de um trabalho em processo, percorremos um ensaio crítico tomando como fonte duas das embalagens analisadas, presentes no mercado alimentar. Nas análises, compreendemos que a publicidade, ao transformar os alimentos em subprodutos de uma produção cultural massificada voltada para a infância contemporânea, age como engrenagem da indústria cultural, instaurando determinantes subjetivos e configurando um processo de mistificação da infância. Por outro lado, acentuamos o caráter de resistência das instituições de educação infantil públicas, no sentido de se configurarem como refúgio de uma alimentação avessa à ilusão mercadológica. Palavras-chave: Infância. Alimentação.Indústria cultural.Abstract: Based on the concept of cultural industry, in the interface with Childhood Studies, this article is the result of the analysis of food product packaging aimed at children, in the confrontation with the following question: how the massification process, in which the childhood takes place, is given from a basic and vital dimension like food? Within the limits of a work in process, we go through a critical test taking as source two of the packages analyzed, present in the food market. In the analysis, we understand that advertising, by transforming food into byproducts of a mass cultural production aimed at contemporary childhood acts as a cog in the cultural industry, establishing subjective determinants and configuring a process of childhood mystification. On the other hand, we emphasize the resistance character of public early childhood

  7. Measuring household food security: the global experience A medida da segurança alimentar: a experiência mundial

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Hugo Melgar-Quinonez

    2008-08-01

    Full Text Available Measuring household food insecurity represents a challenge due to the complexity and wide array of factors associated with this phenomenon. For over one decade, researchers and agencies throughout the world have been using and assessing the validity of variations of the United States Department of Agriculture Household Food Security Supplemental Module. Thanks to numerous studies of diverse design, size, and purpose, the Household Food Security Supplemental Module has shown its suitability to directly evaluate the perceptions of individuals on their food security status. In addition, challenges and limitations are becoming clearer and new research questions are emerging as the process advances. The purpose of this article is to describe the development, validation procedures, and use of the Household Food Security Supplemental Module in very diverse settings. The most common Household Food Security Supplemental Module related studies have been conducted using criterion validity, Rasch modeling and Cronbach-Alpha Coefficient. It is critical that researchers, policy makers, governmental and non-governmental agencies intensify their efforts to further develop tools that provide valid and reliable measures of food security in diverse population groups. Additional work is needed to synthesize a universally applicable tool able to capture the global human phenomenon of food insecurity.Medir a insegurança alimentar domiciliar representa um desafio devido à complexidade e ao vasto número de fatores associados a este fenômeno. Por mais de uma década, pesquisadores e agências em todo o mundo têm usado o Módulo Suplementar da Segurança Alimentar Domiciliar , do Departamento de Agricultura dos Estados Unidos (Household Food Security Supplemental Module, e avaliado suas variações. Graças a numerosos estudos com diversos formatos, extensões e propósitos, a adequação do Household Food Security Supplemental Module para avaliar diretamente a

  8. Interdisciplinary lifestyle therapy improves binge eating symptoms and body image dissatisfaction in Brazilian obese adults Terapia interdisciplinar de mudança do estilo de vida melhora sintomas de compulsão alimentar e insatisfação com a imagem corporal em adultos obesos brasileiros

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Joana Pereira de Carvalho-Ferreira

    2012-01-01

    de mudança do estilo de vida sobre sintomas de compulsão alimentar, depressão, ansiedade, insatisfação com a imagem corporal e qualidade de vida em adultos obesos. MÉTODOS: Um total de 49 adultos obesos (índice de massa corporal = 37.35±5.82 kg/m²; idade = 44.14±10.00 anos participaram de um programa de redução de peso por 6 meses. Sintomas de compulsão alimentar, insatisfação com a imagem corporal, depressão, ansiedade e qualidade de vida foram avaliados por meio de questionários autoaplicáveis. O consumo alimentar foi avaliado utilizando-se um registro alimentar de 3 dias. Os dados foram analisados utilizando análise de variância (ANOVA. RESULTADOS: Os resultados da ANOVA mostraram uma redução nos sintomas de compulsão alimentar e na insatisfação com a imagem corporal. Os sintomas de depressão e ansiedade também diminuíram, e foi observado um aumento nos escores de qualidade de vida. Após a terapia, foi verificada melhora significativa no perfil nutricional, assim como significativa redução de peso. Foi observada uma correlação positiva entre a variação dos sintomas de ansiedade e o consumo de lipídios. Sintomas de compulsão alimentar apresentaram associação com sintomas de ansiedade e insatisfação com a imagem corporal, e a insatisfação com a imagem corporal se correlacionou positivamente com os sintomas de ansiedade nos homens. Nas mulheres, foi observada uma correlação positiva entre sintomas de depressão e de compulsão alimentar. CONCLUSÃO: A terapia interdisciplinar foi eficaz na promoção de mudanças físicas e psicológicas e proporcionou uma melhor qualidade de vida em adultos obesos.

  9. Influência da percepção do peso e do índice de massa corporal nos comportamentos alimentares anormais Influence of body mass index and body weight perception on eating disorders symptoms

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria Angélica Nunes

    2001-03-01

    Full Text Available OBJETIVO: Estudar a associação entre a percepção do peso corporal, o índice de massa corporal e os comportamentos alimentares anormais. MÉTODOS: Delineamento transversal, de base populacional, com mulheres de 12 a 29 anos, da zona urbana de Porto Alegre, RS (n=513. Para medir a prevalência de comportamentos alimentares anormais utilizou-se o Teste de Atitudes Alimentares 26 (EAT-26 e o Teste de Investigação Bulímica de Edimburgo (BITE, considerados separadamente e em conjunto, e a percepção do peso corporal por meio de 2 perguntas estruturadas: qual era o peso que a mulher julgava ideal e a auto-avaliação sobre seu peso. O índice de massa corporal (IMC foi calculado por medida de peso e altura aferidos. RESULTADOS: Considerando os instrumentos conjuntamente, 30,2% das mulheres tinham comportamento alimentar de risco, e 11,3% apresentaram comportamento alimentar anormal. Além disso, 82% das mulheres apresentaram IMC normal, sendo que 2% eram magras, e 16% apresentaram IMC de sobrepeso/obesidade. Das mulheres estudadas, 46% tinham o ideal de pesar menos, e 37,8% consideravam-se gordas. Entre as mulheres com IMC normal, 25,2% das que se achavam normais apresentavam comportamento alimentar de risco, e 5,7 % comportamento alimentar anormal. Das mulheres que se consideravam gordas, 47,2% apresentaram comportamento alimentar de risco, e 19,2% tinham comportamento alimentar anormal. Mulheres que se sentiam gordas apresentaram um risco quatro vezes maior de apresentar comportamentos alimentares anormais (razão de odds 4,50; IC 95% 2,88-7,01; pOBJECTVE: To investigate the relationship between body mass index (BMI, body weight perception and eating disorder symptoms. METHODS: A population-based cross-sectional study was conducted among women aged between 12 and 29 years old in Porto Alegre, Brazil (n=513. The prevalence of eating disorder symptoms was assessed by using two instruments: the Eating Attitudes Test - 26 (EAT-26 and the Bulimic

  10. The Eating Disorders Section of the Development and Well-Being Assessment (DAWBA: development and validation Sessão de Transtornos Alimentares do Development and Well-Being Assessment (DAWBA: desenvolvimento e validação

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Tatiana Moya

    2005-03-01

    ão entrevistados em todos os casos, assim como as jovens de 11 anos ou mais. MÉTODOS: 174 meninas, divididas em três grupos, foram avaliadas com a Sessão de Transtornos Alimentares do Development and Well-Being Assessment: 48 jovens com transtornos alimentares, 55 controles clínicos (com depressão, transtorno obsessivo-compulsivo ou doença gastrintestinal e 71 controles da comunidade. Sensibilidade, especificidade e valores preditivos do instrumento foram pesquisados pela comparação dos diagnósticos pelo Development and Well-Being Assessment com diagnósticos psiquiátricos independentes. A confiabilidade teste-reteste foi investigada reaplicando-se o instrumento em 55 sujeitos após duas ou três semanas. RESULTADOS: Para a detecção de qualquer transtorno alimentar segundo o DSM-IV e o CID-10, o diagnóstico final pelo Development and Well-Being Assessment apresentou sensibilidade de 100%, especificidade de 94%, valor preditivo positivo de 88%, valor preditivo negativo de 100% e 95% de concordância entre testes e retestes (Kappa de 0,81. CONCLUSÃO: A Sessão de Transtornos Alimentares do Development and Well-Being Assessment tem boas propriedades psicométricas para o uso em estudos clínicos e epidemiológicos.

  11. O fazer educação alimentar e nutricional: algumas contribuições para reflexão Practical food and nutrition education: some points for reflection

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ligia Amparo da Silva Santos

    2012-02-01

    Full Text Available O presente artigo reflete sobre as práticas de educação alimentar e nutricional vigentes no contexto atual. São discutidas no âmbito das políticas públicas de alimentação e nutrição partindo de uma análise sobre as ações governamentais empreendidas e de suas ações no âmbito local, particularmente na nutrição clínica ambulatorial e/ou na atenção a grupos específicos, buscando identificar as tendências teóricas e metodológicas que norteiam as práticas educativas. Considera-se que a educação alimentar e nutricional tem sido alvo de debates na busca de concebê-la como uma ação governamental. Entretanto, em que pese seus avanços, se reconhece a existência de um hiato entre as formulações das políticas e as ações desenvolvidas no âmbito local. Permanece também um hiato entre discursos e as práticas em seu torno das ações educativas. Conclui-se que a educação alimentar e nutricional é menos um instrumento do que um dispositivo de ações conjugadas que devem envolver diferentes setores e disciplinas, entretanto, demanda investimentos na formação profissional e na produção de conhecimento no campo.This article reflects on the practices of existing food and nutrition education in the current context. Practices in public policy in food and nutrition are discussed starting from an analysis of government actions undertaken and their actions at the local level, particularly in outpatient clinical nutrition and/or attention to specific groups, seeking to identify theoretical and methodological trends guiding educational practices. It is considered that the food and nutrition education has been the subject of debate in seeking to construe it as government action. However, despite their achievements, one perceives the existence of a gap between the formulation of policies and actions developed at the local level. There is also a gap between rhetoric and practice in terms of educational activities. The

  12. Prática alimentar e de atividade física em adolescentes obesos de escolas públicas e privadas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Lívia Freitas Campos

    2014-03-01

    Full Text Available Objetivo: Avaliar a prática alimentar e o nível de atividade física em adolescentes obesos de escolas públicas (EPu e privadas (EPr de Fortaleza-CE. Métodos: Estudo transversal realizado com 272 adolescentes de Epu e EPr, no período de abril de 2007 a maio de 2009. Aplicou-se um questionário contendo dados de identificação (idade, sexo, antropométricos (peso e altura, situação escolar, prática alimentar e nível de atividade física. Resultados: Dos avaliados, observou-se que 160 (58,8% eram do sexo feminino, com idade média de 16,5 anos (±1,31. Houve prevalência da obesidade moderada, com 85,5%, (n=171 na EPu e 76,4%, (n=55 na EPr. Não se constatou diferença entre o grau de obesidade e a rede escolar. Sobre a prática alimentar, 70,2% (n=190 consumiam menos de cinco refeições ao dia e 56,3% (n=153 não faziam o café da manhã, não tendo diferença entre as redes escolares. O consumo de frutas (10%; n=27 e vegetais (14,1%; n=38 foi baixo. Os estudantes das EPr consumiam mais refrigerantes (41,7%; n=30 do que os da EPu (28,5%; n=57; p=0,03. Constatou-se, que 47% (n=93 dos alunos da EPu e que 32,4% (n=27 da EPr não consumiam fast-food (p=0,02. Identificou-se que os adolescentes das EPu eram mais ativos do que os das EPr (77%; n=153 versus 54,2%; n=40; p=0,0002, mas essa diferença não mostrou associação com o grau de obesidade (p=0,88. Conclusão: Os adolescentes das escolas públicas e particulares apresentavam prática alimentar inadequada, havendo poucas diferenças entre eles. Os jovens das EPu apresentaram-se mais ativos que os das EPr, entretanto, este nível de atividade física não influenciou no grau de obesidade. doi:10.5020/18061230.2014.p92

  13. Estado nutricional e insegurança alimentar de adolescentes e adultos em duas localidades de baixo índice de desenvolvimento humano Nutritional status and food insecurity of adolescents and adults in two cities with a low human development index

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Juliana Souza Oliveira

    2009-08-01

    Full Text Available OBJETIVO: Descrever a situação da (insegurança alimentar e sua relação com o estado nutricional de adolescentes e adultos em duas localidades, Gameleira, zona da mata de Pernambuco e São João do Tigre, zona semi-árida da Paraíba, ambas caracterizadas pelo baixo índice de desenvolvimento humano. MÉTODOS: Estudo transversal, com 501 famílias em Gameleira (PE e 458 famílias, em São João do Tigre (PB, com 1 528 e 1 163 adolescentes e adultos, respectivamente. A (insegurança alimentar foi determinada pelo questionário de Cornell (Estados Unidos da América, ajustado para realidade nacional (Escala Brasileira de Insegurança Alimentar, enquanto o estado nutricional foi estabelecido pelo Índice de Massa Corporal. RESULTADOS: A insegurança alimentar foi caracterizada em quase 90,0% das famílias dos dois municípios, predominando as condições de insegurança moderada (40,2% em São João do Tigre (PB e grave (36,9% em Gameleira (PE. Nas duas localidades, a insegurança alimentar prevaleceu nas famílias com adolescentes. O baixo peso para altura (proxi de desnutrição apresentou proporções muito baixas em todos os grupos etários, enquanto a condição sobrepeso/obesidade prevaleceu entre os adultos, chegando a alcançar 58,6% das observações (>40 anos, em São João do Tigre. Não foi encontrada associação estatística entre a insegurança alimentar e suas formas moderada e grave e a desnutrição. CONCLUSÃO: A escala brasileira de avaliação da (insegurança alimentar se comporta mais como um indicador psicossocial de vulnerabilidade, não apresentando a esperada consistência com a proporção da desnutrição de adolescentes e adultos identificada por este estudo, sob o aspecto antropométrico, mesmo em populações de pobreza praticamente generalizada.OBJECTIVE: The objective of this study was to describe the food insecurity profile and its relationship with the nutritional status of adolescents and adults of two

  14. Fobia alimentar associada a magreza: um diagnóstico diferencial com anorexia nervosa

    OpenAIRE

    Silva,Vera Garcia da; Papelbaum,Marcelo

    2009-01-01

    A fobia alimentar (FA) ou fagofobia é um transtorno caracterizado pelo medo condicionado e excessivo de comer e engolir, muitas vezes precipitado por um evento de vômito ou engasgo. Existem poucos casos de FA descritos na literatura científica, o que dificulta a definição da sua prevalência. Apesar disso, a fagofobia apresenta importância clínica em função do risco de complicações clínicas e da possibilidade de erro diagnóstico por confusão com outras condições que acarretem restrição aliment...

  15. Comportamento e habitos alimentares de quatro especies de cichilidae (teleostei) no Pantanal Matogrossense

    OpenAIRE

    Francisco de Arruda Machado

    1983-01-01

    Resumo: Foram estudados o comportamento e o hábito alimentar de quatro espécies de Cichlidae, no Pantanal Matogrossense, Município de Poconé, Mato Grosso. As observações e coletas foram feitas entre o Km 9 e o Km 130 da Rodovia transpantaneira, nos anos de 1979 a 1983, em meses diversos (cobrindo épocas de seca e cheia), em lagoas, rios e corixos situados ao longo dessa rodovia. Astronotus ocellatus vive em pequenos grupos de 3 a 9 indivíduos, de dimensões semelhantes entre si. Alimenta-se, e...

  16. Bens de consumo e insegurança alimentar: diferenças de gênero, cor de pele autorreferida e condição socioeconômica Household appliances and food insecurity: gender, referred skin color and socioeconomic differences

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Leticia Marin-Leon

    2011-09-01

    Full Text Available OBJETIVO: Com base nos dados da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (PNAD, 2004, foram comparadas as diferenças na prevalência de insegurança moderada/grave em relação à segurança alimentar, e insegurança leve quanto à posse de bens de consumo e outras condições socioeconômicas e demográficas. MÉTODOS: Foram estudados os domicílios particulares permanentes, com rendimento domiciliar per capita de até um salário mínimo, utilizando-se a Escala Brasileira de Insegurança Alimentar respondida por morador do domicílio (n=51.357. A associação entre as variáveis e a variável dependente (segurança alimentar foi verificada pelo teste do Χ2 com nível de significância de 5%. Foram calculadas razões de prevalência brutas e intervalos de confiança de 95% e a análise ajustada foi conduzida por meio de regressão múltipla de Poisson, utilizando Stata 8.0, que incorpora as ponderações do desenho amostral com delineamento complexo. RESULTADOS: A renda domiciliar mensal per capita foi a variável com maior força de associação com a segurança alimentar. Tanto em áreas urbanas quanto rurais, foram encontradas elevadas razões de prevalência para insegurança alimentar moderada ou grave nos domicílios chefiados por mulheres, de cor negra, presença no domicílio de seis ou mais moradores, localização metropolitana e com ausência de alguns bens específicos (fogão, filtro, geladeira, freezer, máquina de lavar roupa e telefone celular. Em modelo que incluiu, entre os bens, apenas a posse de geladeira, a maior razão de prevalência ocorreu na renda de até ¼ de salário mínimo, seguindo-se a ausência de posse de geladeira, tanto nos domicílios chefiados por homens brancos, como por negros e mulheres brancas ou negras. Embora os domicílios chefiados por mulheres e por negros apresentem maior insegurança alimentar, as diferenças intragrupais foram maiores em domicílios chefiados por homens brancos e menores

  17. Efeito da Temperatura Ambiente e da Restrição Alimentar sobre o Desempenho e a Composição de Fibras Musculares Esqueléticas de Frangos de Corte

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Sartori José Roberto

    2001-01-01

    Full Text Available O objetivo desta pesquisa foi estudar os efeitos da temperatura ambiente e da restrição alimentar sobre o desempenho e a composição do músculo flexor longo do hálux de frangos de corte. Trezentos e vinte e quatro pintos machos da linhagem Ross, com cinco dias de idade, foram distribuídos em um delineamento em parcelas subdivididas, considerando os tratamentos principais no esquema fatorial 3x3 inteiramente casualizado (três programas de alimentação: ad libitum, restrição precoce - 8 a 14 dias e restrição tardia - 29 a 35 dias; três níveis de temperatura: termoneutra, calor e frio. Os tratamentos secundários foram as idades das aves (seis idades: 7, 14, 21, 28, 35 e 42 dias. Não houve interação entre programa de alimentação e temperatura ou entre programa de alimentação, temperatura e idade para as características de desempenho dos frangos. Independentemente do programa de alimentação, houve efeito de temperatura para peso, ganho de peso, consumo de ração e conversão alimentar. O programa de alimentação afetou o peso e o ganho de peso das aves. Houve interação entre programa de alimentação e idade e entre temperatura e idade para peso vivo ao abate e peso do músculo da perna direita. Estas interações não foram significativas para peso do músculo da perna esquerda, área da secção transversal do músculo e relação peso do músculo/peso vivo ao abate. Conclui-se que a temperatura ambiente afeta o desempenho dos frangos de corte, porém não altera o número, diâmetro e freqüência de fibras musculares no músculo flexor longo do hálux. A restrição alimentar precoce pode ser adotada como prática de manejo, sem que se observem alterações do desempenho na idade de abate e nem na composição das fibras musculares esqueléticas dos frangos de corte.

  18. Educação alimentar e nutricional associada a oficinas culinárias com alunos em uma escola pública

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria de Fátima Rezende

    2015-12-01

    Atividades em Educação Alimentar e Nutricional (EAN visam práticas alimentares saudáveis. Objetivo: desenvolver ações extensionistas em EAN a escolares. Método: trata-se de pesquisa participante em cinco encontros, pela abordagem de alimentos-tema, princípios de nutrição e de medidas higiênicas. Realizaram-se oficinas culinárias e diálogos sobre os conhecimentos adquiridos. As falas foram analisadas em categorias. Resultados: os escolares demonstraram interesse pela culinária, auxiliaram nas preparações e na higiene da cozinha. Sobre as aversões a alimentos, houve superação ao degustarem os pratos elaborados. Os conhecimentos sobre alimentação e nutrição foram valorizados. Conclui-se que o grupo se constituiu agregador e facilitador nas atividades em EAN associadas a oficinas culinárias, contribuindo à formação dos escolares.

  19. Transtornos alimentares e gestação: uma revisão Eating disorders and pregnancy: a review

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Karin Louise Lenz Dunker

    2009-01-01

    Full Text Available OBJETIVO: Estudar o impacto dos transtornos alimentares nas funções reprodutivas, problemas na gestação e puerpério, e dificuldades com a alimentação dos filhos. MÉTODOS: Realizou-se revisão da literatura nos últimos 28 anos nos bancos de dados MedLine e Lilacs. Combinaram-se os descritores anorexia nervosa, bulimia nervosa, transtornos alimentares e gestação. RESULTADOS: Os estudos de revisão, estudos de caso e pesquisas realizadas com gestantes apontam uma associação entre TA e uma variedade de complicações na gestação, no parto, para o feto, com aumentado risco de morbidade perinatal, além de complicações na alimentação futura da criança. CONCLUSÕES: Observa-se uma maior necessidade de acompanhamento especializado, principalmente no pré-natal, em relação aos hábitos alimentares e preocupação com peso e forma corporais - especialmente nas mulheres que apresentam ganho ponderal inadequado, hiperêmese gravídica, picacismo, entre outros.OBJECTIVE: The objective of this study was to show the impact of eating disorders on reproductive functions, pregnancy and puerperium problems, and difficulties in feeding her babies. METHODS: Review of literature of last 28 years in MedLine and Lilacs database. The keywords used were anorexia nervosa, bulimia nervosa, eating disorders and pregnancy. RESULTS: Review and case studies, and research made with eating disorders pregnant patients demonstrate that there are an association between eating disorders and many pregnancy complications on birth, to the child with an increase risk of morbidity after the birth and some implications on food behavior of the child. CONCLUSIONS: It was noticed a need for specialized treatment, especially before the pregnancy, regarding eating habits and worries about weight and body shape, especially for women that present inadequate weight gain, hyperemesis gravidarum, pica and other eating problems.

  20. Production of lactic acid and dextran using cashew apple juice as a substrate

    OpenAIRE

    Honorato, Talita Lopes; Rabelo, Maria Cristiane; Pinto, Gustavo Adolfo Saavedra; Rodrigues, Sueli

    2007-01-01

    O presente trabalho teve como objetivo estudar a utilização de excedentes agrícolas como substrato para produção de dextrana e ácido lático. As fermentações foram conduzidas com o microorganismo Leuconostoc mesenteroides B512F, em meio contendo suco de caju e sacarose. As concentrações de açúcar redutor e sacarose foram variadas de acordo com um planejamento experimental. No final da fermentação foram quantificados a dextrana, o ácido lático e a biomassa produzida. Os resultados foram avaliad...

  1. Estudo químico e potencial antioxidante do mel e geoprópolis coletados pela abelha sem ferrão mandaçaia (Melipona mandacaia).

    OpenAIRE

    Paulo Ricardo da Silva

    2015-01-01

    A espécie de abelha sem ferrão Melipona mandacaia é conhecida popularmente como mandaçaia e é nativa do Nordeste brasileiro. Neste estudo foi analisado o mel e a geoprópolis da mandaçaia. Foram realizadas as análises palinológicas, físico-químicas tais como umidade, pH, acidez livre, hidroximetilfurfural, teor de cinzas, açucares redutores e atividade de água, aminoácidos, minerais e atividade antirradicalar em quatro amostras de mel. Os principais constituintes fenólicos do mel foram extraíd...

  2. Adesao ao guia alimentar para populacao brasileira

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Eliseu Verly Junior

    2013-12-01

    Full Text Available OBJETIVO : Analisar a adesão ao Guia Alimentar para População Brasileira. MÉTODOS : Amostra composta por participantes do Inquérito de Saúde de São Paulo (n = 1.661 que preencheram dois recordatórios de 24 horas. Foi utilizado modelo bivariado de efeito misto para a razão entre o consumo de energia do grupo de alimentos e o consumo calórico total. A razão estimada foi utilizada para calcular o percentual de indivíduos com consumo abaixo ou acima da recomendação. RESULTADOS : Pelo menos 80,0% da população consome abaixo do recomendado para: leite e derivados; frutas e sucos de frutas; e cereais, tubérculos e raízes; aproximadamente 60,0% para legumes e verduras; 30,0% para feijões; e 8,0% para carnes e ovos. Adolescentes apresentaram a maior inadequação para legumes e verduras (90,0%, e o estrato de maior renda foi associado à menor inadequação para óleos, gorduras e sementes oleaginosas (57,0%. CONCLUSÕES : Foi observado consumo inadequado dos grupos de alimentos relacionados com aumento do risco de doenças crônicas.

  3. Doação de alimentos como ação emergencial de combate à fome – subsídios aos COMSEAS

    OpenAIRE

    Boog, Maria Cristina Faber

    2015-01-01

    Os Conselhos Municipais de Segurança Alimentar – COMSEAs têm por função propor as diretrizes gerais da Política de Segurança Alimentar e Nutricional a serem implementadas pelos órgãos executores. Freqüentemente os membros dos Conselhos Municipais de Segurança Alimentar precisam posicionar-se em relação às ações emergenciais de combate à fome, ou seja, à doação de alimentos (CONSEA, 2006). Vários fatores de ordem técnica e ética precisam ser considerados na tomada de decisão sobre a pertinênci...

  4. Perfil nutricional e alimentar de portadores de HIV-1/AIDS internados em um hospital universitário = Nutritional and alimentary profile of HIV-1/AIDS patients admitted in a university hospital

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Kauffmann, Luanny Kaísa de Oliveira

    2017-01-01

    Full Text Available Objetivo: Avaliar o perfil nutricional e alimentar de portadores de HIV-1, internados em um hospital universitário. Materiais e Métodos: Tratou-se de um estudo transversal, descritivo, no qual a população de estudo foi composta por 54 pacientes internados, de ambos os sexos, adultos, com faixa etária de 20 a 59 anos, acompanhados durante o período de Abril a Outubro de 2014, na Clínica de Doenças Infecciosas e Parasitárias (DIP, do Hospital Universitário João de Barros Barreto (HUJBB/UFPA. Foi utilizado formulário próprio para o levantamento das características demográficas, socioeconômicas, antropométricas e dietéticas (QFA. Para verificar a as diferenças de médias foi realizada a análise de variância (ANOVA e o grau de associação entre as variáveis foi medido pela correlação de Pearson, estabeleceu-se como significância valor de p<0,05. Resultados: Prevalência do sexo masculino, os pacientes pertencem a um nível econômico baixo, apresentando também uma baixa escolaridade. O perfil nutricional encontrado nos pacientes, de acordo com os métodos de avaliação antropométrica (índice de massa corporal, prega cutânea tricipital, circunferência do braço e circunferência muscular do braço, apresentou predominância de desnutrição (55,5; 92,6; 79,6 e 55,5%; respectivamente, evidenciando déficit de massa magra e gordura corporal. Encontrou-se ainda significativa correlação linear do índice de massa corpórea com as outras medidas antropométricas compartimentadas. Quanto à ingestão dietética, verificou-se expressivo consumo de alimentos energéticos, significativo consumo de alimentos construtores e baixa ingestão de alimentos reguladores quando comparados ao recomendado. Conclusão: Observou-se que a maioria dos pacientes apresentou estado nutricional de desnutrição e o perfil alimentar, de modo geral, se caracterizou por prevalência de hábitos alimentares saudáveis

  5. Avaliação dos efeitos do aspartame sobre a ingestão alimentar, os parâmetros físicos, bioquímicos e histopatológicos em ratos Wistar

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    A.E. Silva

    Full Text Available RESUMO Nos últimos anos, tem-se observado um aumento no consumo de alimentos diet e light por adolescentes ou por aqueles que estão à procura de uma alimentação com baixo teor calórico, surgindo, assim, diversos edulcorantes, como o aspartame. Porém, seu consumo ainda gera polêmica, devido a muitos dados contraditórios e inconclusivos. Diante disso, objetivou-se avaliar os efeitos da suplementação de aspartame sobre ingestão alimentar, parâmetros físicos, bioquímicos e histopatológicos em 18 ratos machos da linhagem Wistar, com cinco semanas de vida (ratos jovens, tratados durante 21 dias. Os animais foram distribuídos aleatoriamente em dois grupos: grupo controle (GC - tratados com água destilada por gavagem, e o grupo aspartame (GA - tratados diariamente com 2mL/100g/dia de aspartame. Todos os animais receberam ração comercial (Essence(r e água ad libitum. O controle da ingestão alimentar foi registrado semanalmente. Foram aferidos os parâmetros físicos por meio da análise do peso corporal, da circunferência toráxica, da circunferência abdominal, do comprimento vértice-cóccix, da gordura abdominal total e do cálculo do índice de massa corporal; os parâmetros bioquímicos foram analisados por meio da glicemia, da lipoproteína de alta densidade e dos triglicerídeos; além de tais análises, foi realizado o estudo histopatológico do fígado. Durante todo o experimento, os ratos tratados com aspartame apresentaram um aumento significativo no peso corpóreo e na ingestão alimentar quando comparados ao grupo controle. Não houve diferença nas demais análises tanto físicas, quanto bioquímicas e histopatológicas comparando-se o GA com o GC (P<0,05. Com base nos resultados obtidos, é possível inferir uma maior chance de desenvolvimento da obesidade, oriunda do consumo regular desse tipo de adoçante, já que ele comprovou ser capaz de estimular o consumo de alimentos e, consequentemente, o ganho de peso corpóreo.

  6. Uma revisão dos estudos latino-americanos sobre o transtorno da compulsão alimentar periódica A review of Latin American studies on binge eating disorder

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marly Amorim Palavras

    2011-05-01

    Full Text Available OBJETIVO: Revisar o estado de arte da literatura latino-americana sobre o transtorno da compulsão alimentar periódica. MÉTODO: Foi feita uma busca sobre estudos realizados em países latino-americanos usando-se o termo "binge eating", nas seguintes bases eletrônicas: PubMed, LILACS, SciELO e PsycINFO. O critério de inclusão foi selecionar estudos desenvolvidos com amostras latino-americanas que preencheram critérios parciais ou completos do transtorno da compulsão alimentar periódica pelo Manual Diagnóstico e Estatístico de Transtornos Mentais-4ª Edição. RESULTADOS: Foram rastreados 8.123 artigos e 30 preencheram o critério de inclusão (18 estudos de corte transversal, cinco ensaios clínicos, quatro relatos de casos, dois estudos de validade, um estudo de coorte. A maioria dos estudos foi conduzida no Brasil (27, um na Argentina, um na Colômbia e um na Venezuela. A prevalência de transtorno da compulsão alimentar periódica em obesos em programas para perda de peso esteve entre 16% e 51,6%. A comparação entre obesos com e sem transtorno da compulsão alimentar periódica mostrou uma maior tendência para peso mais alto, oscilação ponderal, preocupação com peso e forma corporal e associação com comorbidades psiquiátricas naqueles com transtorno da compulsão alimentar periódica. CONCLUSÃO: O transtorno da compulsão alimentar periódica mostra-se um fenômeno verificável na América Latina com características clínicas semelhantes às encontradas na literatura internacional. Esta revisão fornece subsídios para que o transtorno da compulsão alimentar periódica seja considerado uma categoria distinta de transtorno alimentar na Classificação Internacional de Doenças-11ª Edição.OBJECTIVE: To review the state of the art of the scientific literature on binge eating disorder in Latin America. METHOD: A literature search of studies conducted in Latin American countries using the term "binge eating" was performed

  7. Perfil antropométrico e alimentar de pré-escolares de uma escola pública do Alto Paranaíba, MGAnthropometric and dietary profile of preschool children in a public school in Alto Paranaíba, MGdoi:10.12662/2317-3076jhbs.v4i3.864.p166-173.2016

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Muriele Pereira Mendes Cornélio

    2016-09-01

    Full Text Available Introdução: a fase pré-escolar é um período de importantes mudanças alimentares a qual tem contribuído para o excesso de peso em crianças de todas as classes econômicas. Objetivo: analisar o perfil antropométrico e alimentar de pré-escolares de uma escola pública municipal de Rio Paranaíba, MG. Métodos: para a realização da pesquisa de caráter transversal e quantitativa, analisou-se o perfil antropométrico e alimentar (frequência alimentar de alguns alimentos e a distribuição percentual de nutrientes da alimentação escolar de crianças. Para avaliar o consumo da alimentação escolar entre os gêneros, utilizou-se o Teste Mann Whitney, e na associação do consumo dos alimentos obesogênicos e o estado nutricional, por gênero, utilizou-se o Teste Qui-quadrado, ambos a 5%. Resultados: das 58 crianças avaliadas, os meninos apresentaram mais excesso de peso. Os pré-escolares apresentaram uma ingestão diária elevada de alimentos obesogênicos (achocolatados, biscoitos recheados e suco em pó, e baixo para aqueles considerados saudáveis (beterraba, cenoura, mamão e os folhosos. Entre os alimentos obesogênicos avaliados, o achocolatado em pó foi o mais consumido, e apenas o consumo de salgadinho (chips, pelos meninos, correlacionou-se com o excesso de peso. As meninas com excesso de peso apresentaram uma maior ingestão de proteínas, carboidratos, lipídios e ferro na alimentação escolar. Conclusão: embora somente o consumo de salgadinho correlacionou-se ao excesso de peso, alguns pré-escolares apresentaram uma ingestão diária elevada de alimentos obesogênicos e baixo para aqueles considerados saudáveis, bem como maiores quantidades de proteínas, carboidratos e lipídios na alimentação escolar, fatos que podem contribuir para o excesso de peso apresentado.l das crianças, elevando o peso das mesmas e ocasionar prejuízos funcionais ao organismo.

  8. Merenda no dia alimentar de crianças matriculadas em Centros de Educação e Alimentação do Pré-Escolar School-lunch as part of the eating habits of children enrolled in Pre-school Education and Feeding Centers

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rosa Nilda Mazzilli

    1987-08-01

    Full Text Available Estudou-se o papel da merenda no comportamento alimentar de 346 pré-escolares (PE matriculados em Centros de Educação e Alimentação do Pré-Escolar (CEAPEs de seis municípios do Estado de São Paulo, Brasil. Em entrevista domiciliar com a mãe ou responsável pela alimentação do PE, obteve-se o número e a quantidade dos alimentos ingeridos pela criança antes e após sua participação no CEAPE. Verificou-se que essa refeição escolar interfere tanto na quantidade dos alimentos consumidos quanto no número das refeições diárias feitas no lar. Os resultados mostraram que 178 (51,4% PE reduziram a ingestão alimentar de casa, mediante exclusão de refeições e/ou diminuição da quantidade de alimentos habitualmente ingerida, após receberem a merenda no CEAPE. Destas, 115 (64,6% apresentaram dieta insuficiente em energia; 48 (13,9% aumentaram a quantidade dos alimentos habituais e/ou incluíram refeições. Ainda assim, 23 (47,9% apresentaram consumo energético deficiente. Entre os 120 (34,7% que não tiveram nenhuma modificação em seu dia alimentar, 61 (51,7% mostraram ingestão calórica inadequada. Concluiu-se ser necessário orientar a família sobre o papel da merenda como suplemento alimentar e não como substituto de refeições no lar.It was studied the role of the school lunch in the dietary behaviour of the three hundred and forty-six preschool children drawn from the Preschool Education and Feeding Centre (CEAPE, in six towns of the State of S. Paulo, Brazil. In home entreviews, the mothers or persons responsible for the preschool children's diet gave the number of meals and the quantity of their food intake before and after their participation in the Program. It was noted that the school lunch as interfered in the dietary intake of children insofar as quantity of food and number of meals usually eaten at home is concerned. The results showed that one hundred and seventy-eight (51.4% preschool children decrease their

  9. Imagem corporal e hábitos alimentares na anorexia nervosa: uma revisão integrativa da literatura Body image and food habits in anorexia nervosa: an integrative review of the literature

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Carolina Leonidas

    2012-01-01

    Full Text Available Revisão integrativa da literatura com objetivo de investigar os construtos da imagem corporal e hábitos alimentares na anorexia nervosa (AN. As bases consultadas foram MedLine, LILACS e PsycINFO, no período de 2005 a 2009. A maioria dos artigos encontrados é constituída de estudos não-experimentais e descritivos, provenientes de fontes internacionais. Os resultados evidenciaram que a personalidade de mulheres com AN é permeada por baixa autoestima, sentimentos de inferioridade, inadequação, insegurança, perfeccionismo e obsessividade, fatores que acarretam acentuada inibição e retraimento social, e que exercem influência na distorção da imagem corporal e na aquisição de hábitos alimentares disfuncionais. Como conclusão ressalta-se a necessidade de tratamento interdisciplinar, e de novos estudos experimentais e nacionais, que busquem compreender a relação entre os construtos.This is an integrative review of the literature that aims to investigate the constructs of body image and eating habits in anorexia nervosa (AN. The examined databases were MedLine, LILACS and PsycINFO in the period between 2005 and 2009. Most of the studies were non-experimental and descriptive, from international sources. The results showed that the personality of women with AN is permeated by low selfesteem, feelings of inferiority and inadequacy, insecurity, perfectionism and obsessiveness. These are factors that cause high inhibition and social withdrawal, and that influence body image distortion and the acquisition of dysfunctional eating habits. In conclusion, it is highlighted the need of an interdisciplinary treatment and the development of new national experimental studies seeking to understand the relationship between the constructs.

  10. Conhecimento dos cirurgiões dentistas sobre manifestações orais em pacientes portadores de transtornos alimentares

    OpenAIRE

    Nathalia Luersen Maciel; Larissa Cunha Cé

    2017-01-01

    Os transtornos alimentares podem repercutir nos dentes e nos tecidos bucais. O tratamento destes transtornos demanda de uma abordagem interdisciplinar e o cirurgião-dentista representa um importante papel na equipe multiprofissional. O objetivo deste estudo foi verificar e analisar o conhecimento dos cirurgiões-dentistas a respeito da Anorexia Nervosa e Bulimia Nervosa e suas manifestações orais. A pesquisa, de natureza quantitativa transversal, foi realizada através da aplicação de questioná...

  11. Dietary recommendations: comparing dietary guidelines from Brazil and the United States Recomendações dietéticas: comparação entre os guias alimentares brasileiro e americano

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rosely Sichieri

    2010-11-01

    Full Text Available The Brazilian dietary guidelines are based in part on mainstream United States' recommendations, in spite of the criticisms and shortcomings of the American guidelines. In this paper, Brazilian food guidelines are summarized and discussed in comparison with the USA recommendations. American and Brazilian dietary recommendations are quite similar in many aspects, particularly those related to variety in the diet, the importance of physical activity and weight management. Different to American guidelines, those from Brazil advise people to choose fresh foods, to prefer healthier types of fat, to limit trans fat intake and to eat good sources of protein, but does not recommend the consumption of whole grains. Besides the challenges related to their implementation, indicators for the evaluation of the effectiveness of these guidelines should be established from the beginning, particularly those related to changes in dietary habits and the prevalence of obesity.O guia alimentar brasileiro é baseado parcialmente nas recomendações americanas a despeito das críticas e problemas identificados no documento dos Estados Unidos. Neste artigo, as recomendações alimentares para o Brasil são resumidas e discutidas em comparação com as recomendações estadunidenses. Os guias alimentares brasileiro e americano são bastante similares em diversos aspectos, particularmente aqueles relacionados com a variação da dieta, a importância da atividade física e o gerenciamento do peso. Diferentemente dos Estados Unidos, o guia brasileiro estimula o consumo de alimentos frescos, aconselha o uso de fontes saudáveis de gorduras, a limitação do consumo de gordura trans, o consumo de boas fontes de proteínas, mas não indica o consumo de grãos integrais. Além dos desafios relacionados com a sua implantação, os indicadores para a avaliação da eficácia dos guias alimentares devem ser estabelecidos desde sua implantação, particularmente, os relacionados

  12. Prevalence of eating disorders and psychiatric comorbidity in a clinical sample of type 2 diabetes mellitus patients Prevalência de transtornos alimentares e comorbidade psiquiátrica em uma amostra clínica de pacientes com diabetes mellitus do tipo 2

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marcelo Papelbaum

    2005-06-01

    Full Text Available BACKGROUND: A few studies have shown high rates of eating disorders and psychiatric morbidity in patients with type 2 diabetes mellitus. OBJECTIVE: disturbed eating behavior and psychiatric comorbidity in a sample of T2DM patients. METHODS: Seventy type 2 diabetes mellitus patients between 40 and 65 years of age (mean, 52.9 ± 6.8 from a diabetes outpatient clinic were sequentially evaluated. The Structured Clinical Interview for DSM-IV, Binge Eating Scale and Beck Depression Inventory were used to assess eating disorders and other psychiatric comorbidity. In addition to the descriptive analysis of the data, we compared groups divided based on the presence of obesity (evaluated by the body mass index or an eating disorder. RESULTS: Twenty percent of the sample displayed an eating disorder. Binge eating disorder was the predominant eating disorder diagnosis (10%. Overall, the group of obese patients with type 2 diabetes mellitus presented rates of psychiatric comorbidity comparable to those seen in their nonobese counterparts. However, the presence of an eating disorder was associated with a significant increase in the frequency of anxiety disorders (57.1% x 28.6%; p = 0.044. CONCLUSIONS: In our study sample, the occurrence of eating disorders was increased compared to rates observed in the general population, with the predominance of binge eating disorder. The presence of an eating disorder in type 2 diabetes mellitus patients was associated with higher rates of anxiety disorders.INTRODUÇÃO: Alguns estudos têm demonstrado uma freqüência elevada de transtornos alimentares (TA e morbidade psiquiátrica em pacientes com diabetes mellitus do tipo 2 (DM2. OBJETIVOS: Investigar a presença de alterações do comportamento alimentar e comorbidade psiquiátrica em uma amostra de pacientes com diabetes mellitus do tipo 2. MÉTODOS: Setenta pacientes com diabetes mellitus do tipo 2, com idade entre 40 e 65 anos (média de 52,9 ± 6,8, em tratamento

  13. Evaluación nutricional de diferentes ensilajes para alimentar conejos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rigoberto Villa

    2016-12-01

    Full Text Available En la Granja Experimental Bengala de la Universidad del Quindío, ubicada en el municipio de Filandia, Quindío, se evaluó el valor nutricional de diferentes ensilajes para alimentar conejos, (pasto imperial Axonopus scoparius (Flüggé Kuhlm. mezclado con botón de oro (Ranunculus acris L., ramio (Boehmeria nívea L. y morera (Morus alba L.. Se valoraron cinco grupos de conejos conformados por cinco animales cada uno. El grupo de conejos alimentado con ensilaje de pasto imperial y botón de oro, fueron los que obtuvieron la mayor ganancia de peso 141g/semanal, mientras que los conejos alimentados con solo forrajes frescos, obtuvieron un peso promedio de 109g/semanal. Las fuentes nutricionales que mejor responden en la alimentación de conejos en su orden fueron: ensilaje de botón de oro, ensilaje de morera y ensilaje de ramio.

  14. Aversão alimentar condicionada para o controle da intoxicação por Ipomoea carnea subsp. fistulosa em caprinos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luciano A. Pimentel

    2013-06-01

    Full Text Available A aversão alimentar condicionada é uma técnica que pode ser utilizada em animais para evitar a ingestão de plantas tóxicas. O presente estudo teve como objetivo testar a eficiência e durabilidade da aversão alimentar condicionada em caprinos para evitar o consumo de Ipomoea carnea subsp. fistulosa. Foram utilizados 14 caprinos jovens da raça Moxotó, que foram adaptados ao consumo da planta. Inicialmente foi administrada I. carnea subsp. fistulosa dessecada e triturada misturada à ração concentrada por 30 dias e, posteriormente, foi fornecida a planta verde por mais 10 dias. Para constatação da adaptação ao consumo da planta os caprinos foram colocados a pastar em um piquete de 510 m² onde tinha sido plantada I. carnea subsp. fistulosa em uma área de 30m² (10 plantas/m². No 42º dia de experimento, após a constatação do consumo espontâneo os animais receberam a planta verde individualmente na baia por alguns minutos, e todos os animais que consumiam qualquer quantidade da planta foram tratados com uma solução de LiCl na dose 175mg por kg de peso vivo. Este procedimento repetiu-se por mais dois dias. Posteriormente, os caprinos foram divididos em dois grupos: Grupo 1 com seis animais, quatro deles avertidos e dois não avertidos (facilitadores; e o Grupo 2, com oito caprinos, todos avertidos. Para constatar a eficiência e duração da aversão e a influência de animais facilitadores na durabilidade da aversão, os caprinos foram colocados a pastar, em dias alternados, três dias por semana, durante duas horas, no piquete plantado com I. carnea subsp. fistulosa. Por 12 meses os animais foram monitorados durante o pastejo, identificando-se o consumo e a preferência dos animais pelas plantas presentes no piquete. No Grupo 1 tanto os caprinos avertidos quanto os não avertidos iniciaram a ingerir a planta em 1-6 semanas e gradualmente foram aumentando a planta consumida, mas nunca a ingeriram exclusivamente. Nenhum caprino

  15. Sistema de vigilância alimentar e nutricional: frustrações, desafios e perspectivas Food and nutritional surveillance system: frustrations, challenges and perspectives

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Bertoldo K. G. de Arruda

    1992-03-01

    Full Text Available O autor refere o valor da vigilância alimentar e nutricional, as frustrações decorrentes da sua implementação, os desafios que se apresentam ao desenvolviemnto do Sisvan, analisando-os em várias dimensões - política, técnica, organizacional, operacional e social - e as perspectivas surgidas com a valorização, ultimamente, dos aspectos nutricionais como referencial obrigatório das políticas sociais e econômicas. Um ponto enfatizado é ser a vigilância uma atividade de natureza eminentemente local, que encontra respaldo nas propostas de descentralização, que se concretizam na municipalização dos serviços de saúde.The author reports the importance of food and nutritional surveillance, the frustations experienced during its implementation, and challenges faced in the development of Sisvan, analysing their varions dimensions - political, technical, organizational, operational and social - as well as recent perspectives generated by the recognition of nutritional aspects as a mandatory reference for social and economic policies. Emphasis is given to surveillance as a basically local activity in nature, supported by decentralization proposals which are materialized in the municipalization of health services.

  16. Epidemiologia, curso e evolução dos transtornos alimentares Epidemiology, course and evolution of eating disorders

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Vanessa Pinzon

    2004-01-01

    Full Text Available Os transtornos alimentares costumam afetar mulheres jovens e ter curso crônico, variável e com alto grau de morbidade e mortalidade. Este artigo visa a apresentar os dados que suportam tais impressões clínicas.Eating disorders use to affect young women and have a chronic and variable course, with high levels of morbidity and mortality. The objective of this article is to demonstrate the epidemiological findings that support such clinical impressions.

  17. Hábitos alimentares de estudantes de uma universidade pública no nordeste, Brasil
    Food habits of students of one public university of Northeast, Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    E. P .S. FEITOSA

    2010-11-01

    Full Text Available

    Hábitos alimentares de universitários apresentam-se na maioria das vezes inadequados, caracterizado pelo baixo consumo de frutas e verduras e alta ingestão de alimentos ricos em gorduras e açúcares. Dessa forma, este grupo apresenta um maior risco de contrair doenças crônicas não transmissíveis (DCNT. Diante disso, o propósito deste estudo foi avaliar os hábitos alimentares de estudantes universitários da UFS. Foram entrevistados, , 718 universitários dos cursos das áreas de exatas (300, humanas (180 e saúde (238, O instrumento utilizado para coleta de dados foi uma adaptação do questionário do Ministério da Saúde, além do da auto-referição do peso e da estatura. Os resultados mostraram que a maioria (69,6% dos universitários encontrava-se eutróficos e 17,9% com excesso de peso (principalmente entre os homens, p<0,05. Em relação aos hábitos alimentares, grande parte dos entrevistados apresentou baixo consumo diário de frutas (67,7% e hortaliças (84,4% e paralelamente, 85,1% ingerem habitualmente doces, frituras e embutidos. Comparando os hábitos alimentares entre os gêneros, verificou-se que as mulheres demostraram hábitos inadequados significativos (p<0,05 para água, doces, frituras e embutidos e troca de refeições principais por lanche. Entre os homens observou-se maior freqüência de consumo de bebidas alcoólicas e menor preocupação com a retirada de gordura aparente das carnes. Considerando os resultados encontrados, torna-se necessário conscientização e reconhecimento da importância de uma alimentação saudável com a realização de programas de educação alimentar no ambiente universitário e de eventos que valorizem práticas saudáveis de vida

  18. Padroes alimentares de criancas menores de cinco anos de idade residentes na capital e em municipios da Bahia, Brasil, 1996 e 1999/2000

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Sheila Maria Alvim de Matos

    2014-01-01

    Full Text Available Estudo transversal com 3.817 pré-escolares, 1.770 residentes em Salvador, Bahia, Brasil, e 2.047 nas áreas urbana e rural de 10 municípios baianos. Utilizou-se recordatório de 24 horas (R24h e empregou-se análise fatorial por componentes principais com objetivo de identificar e comparar os principais padrões alimentares dessas crianças. Estratificou-se a amostra por idade e área. Antes dos seis meses de vida o leite materno compôs o 2o e 3o padrões com carga positiva para crianças dos dez municípios. Para menores de 17 meses, o padrão 1 foi caracterizado por leite de vaca, farinhas e açúcares. Em áreas urbanas, pão/biscoito, arroz, feijão e carne integraram o padrão 2 aos 6-17 meses. Aos 18-23 meses, o padrão 1 apresentou carga negativa para açúcares, leite de vaca e farinhas, exceto na área rural. Frutas não fizeram parte do padrão 1 no grupo de 24 meses e mais. Observou-se baixo consumo de leite materno e pouca variação de frutas e legumes a partir dos seis meses. Tal perfil de consumo alimentar indica a necessidade de intervenções cada vez mais precoces para promoção de hábitos alimentares saudáveis.

  19. Alimentos enriquecidos com vitaminas e minerais

    OpenAIRE

    Barroso, Tiago Filipe Reis

    2014-01-01

    Mestrado em Engenharia Alimentar - Qualidade e segurança Alimentar - Instituto Superior de Agronomia - UL O presente estudo teve como objetivo principal, fazer um levantamento dos principais alimentos enriquecidos/fortificados com vitaminas e minerais comercializados em Portugal. Foram igualmente consideradas simulações de dietas com alimentos enriquecidos que poderiam ser administrados durante um dia, e estimou-se o consumo de vitaminas e minerais fornecidos pelos mesmos. Essas doses cons...

  20. Insatisfação Corporal e Atitudes Alimentares de Adolescentes de uma Escola Particular em um Município do Sul de Minas Gerais/Body Dissatisfaction and Eating Habits of Adolescents in a Private School in a Municipality in Southern Minas Gerais

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ana Carolina Machado Krepp

    2012-12-01

    Full Text Available Objetivo: Objetivou-se identificar a prevalência de atitudes alimentares inadequadas e de insatisfação com a imagem corporal de adolescentes do sexo feminino de uma escola particular, bem como analisar a possível associação entre as duas prevalências. Materiais e métodos: Aplicaram-se os questionários Eating Attitudes Test - EAT- 26 e Body Shape Questionnaire – BSQ em 59 adolescentes de 10 a 17 anos, matriculadas em um colégio particular de Maria da Fé - MG. Fez-se análise descritiva e estatística pelo teste Qui-quadrado para associação entre a presença de distorção da imagem corporal e o comportamento alimentar de risco. Resultados: 44,07% das meninas tiveram escore positivo para o EAT-26 e 71,19% apresentaram distorção da imagem corporal, sendo 35,59% com distorção leve, 20, 34% moderada e 15,25% com distorção grave. Os resultados mostraram relação estatisticamente significativa entre a distorção da imagem corporal e o risco de distúrbio alimentar, independente do nível desta distorção. Conclusão: Altos índices de atitudes alimentares inadequadas e de insatisfação com a imagem corporal foram encontrados, mostrando a necessidade de implantação de programas de educação nutricional neste colégio. Objective: The objective was to identify the prevalence of inadequate dietary attitudes and dissatisfaction with body image of female adolescents in a private school, and examine the possible association between the two prevalences. Materials and methods: the questionnaires Eating Attitudes Test - EAT-26 and Body Shape Questionnaire - BSQ were applied to 59 adolescents aged 10 to 17, enrolled in a private school in Maria da Fé - MG. There was descriptive and statistical analysis by chi-square test for association between the presence of distortion of body image andrisky eating habits. Results: 44,07% of girls had good scores for the EAT-26 and 71,19% showed distortion of body image, and 35,59% showed mild

  1. ATIVIDADE DE DETERRÊNCIA ALIMENTAR DO ÓLEO ESSENCIAL DE LARANJA AMARGA SOBRE Helicoverpa armigera HÜBNER

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Victor Luiz de Souza Lima

    2017-01-01

    Full Text Available Diversas plantas possuem compostos secundários com propriedades inseticidas e o óleo essencial de laranja amarga mostra-se com grande potencial para o controle de pragas. Recentemente, foi registrada no Brasil a espécie Helicoverpa armigera, uma das maiores pragas da agricultura mundial. Tendo em vista a falta de métodos alternativos aos inseticidas para o controle dessa praga, o objetivo desse trabalho foi avaliar os efeitos do óleo essencial de laranja amarga sobre H. armigera. Foi realizado um teste de escolha para avaliar a atividade deterrente. Folhas de tomate foram imersas em soluções contendo óleo de laranja amarga em três concentrações (1, 10 e 100 mg L-1. As folhas tratadas com óleo e folhas não tratadas foram oferecidas à lagartas de segunda instar e após 24h foi calculado o índice de deterrência alimentar (IDA. A concentração de 1 mg L-1 apresentou 71% de deterrência alimentar. Porém as concentrações de 10 e 100 mg L-1 causaram fitotoxidez às folhas de tomate, inviabilizando o consumo pelas lagartas e a estimativa do IDA. Novos testes devem ser realizados com concentrações menores para evitar a fitotoxidez.

  2. Transtornos alimentares em universitárias: estudo de confiabilidade da versão brasileira de questionários autopreenchíveis Eating disorders in undergraduate students: tudy of the reliability of the Portuguese version of self-administered questionnaires

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Vera Cristina Magalhães

    2005-09-01

    Full Text Available O Teste de Atitudes Alimentares e o Teste de Investigação Bulímica de Edimburgo são questionários, em versão brasileira, utilizados para rastreamento dos transtornos alimentares anorexia e bulimia nervosa. Outros comportamentos podem estar relacionados: à presença de transtorno mental comum, autopercepção corporal inadequada, freqüência de leitura de revistas sobre dieta, freqüência do uso de dieta, influência dos pais, prática de atividade física, dentre outros. O objetivo deste estudo foi avaliar níveis de confiabilidade do Teste de Atitudes Alimentares, do Teste de Investigação Bulímica de Edimburgo, do General Health Questionnaire e de outras questões, partes do questionário que investigou aspectos de saúde e comportamento alimentar em universitárias recém-ingressas em uma universidade pública no Rio de Janeiro. Utilizou-se um desenho de estudo de confiabilidade teste-reteste, em amostra de 60 universitárias com média de idade de 20,2 anos. Para avaliação, calculou-se o Coeficiente Kappa (K. A confiabilidade dos escores globais do Teste de Atitudes Alimentares, Teste de Investigação Bulímica de Edimburgo e prática de atividade física foi "quase perfeita", assim como a questão autopercepção corporal, que foi, respectivamente K=0,81 (IC95% 0,59-1,0; K=0,85 (IC95% 0,70-0,99; K=0,83 (IC95% 0,70-0,93 e Kw(ponderado=0,84 (IC95% 0,70-0,95. A confiabilidade da questão influência familiar, leitura de artigos sobre dieta, do General Health Questionnaire e freqüência de uso de dieta para emagrecer foi "substancial", respectivamente, K=0,76 (IC95% 0,57-0,95; Kw=0,71 (IC95% 0,52-0,91; K=0,70 (IC95% 0,54-0,93 e Kw=0,92 (IC95% 0,85-0,98. Os resultados sugerem que os questionários utilizados apresentaram boa reprodutibilidade das aferições para universitárias, assim como as demais questões.The Eating Attitude Test and the Bulimic Investigatory Test of Edinburgh are used to assess symptoms of eating disorders

  3. Atitudes em relação ao corpo e à alimentação de pacientes com anorexia e bulimia nervosa

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Aline Cavalcante de Souza

    2014-03-01

    Full Text Available Objetivo: Avaliar como se relacionam as atitudes alimentares e corporais de pacientes com anorexia ou bulimia nervosa. Métodos: Pacientes adultas de um ambulatório especializado, com diagnóstico de anorexia (n = 48 ou bulimia nervosa (n = 58, responderam à Disordered Eating Attitude Scale (DEAS para avaliação das atitudes alimentares e ao Body Attitude Questionnaire (BAQ para atitudes corporais – ambos traduzidos e validados para mulheres jovens do Brasil. A correlação entre os escores da DEAS e do BAQ foi avaliada utilizando o coeficiente de Pearson. Modelos de regressão linear testaram preditores para atitudes alimentares e corporais. Resultados: Pacientes com bulimia apresentam relação com o alimento mais disfuncional – subescala 1 da DEAS (p 0,6 para ambas apenas quando se analisou a relação com o alimento e o sentir-se gorda e entre atitudes corporais como um todo e a relação com o alimento. O escore total da DEAS foi preditor da BAQ total: cada um ponto na DEAS aumenta 0,788 na BAQ (R2 = 0,628. Conclusão: Pacientes com bulimia apresentam pior relação com o alimento e piores atitudes corporais. As atitudes corporais se correlacionaram com as atitudes alimentares, de maneira mais forte para pacientes com anorexia; atitudes alimentares mais disfuncionais predizem pior relação com o corpo para ambos os diagnósticos.

  4. Variação temporal e espacial na dieta de Trachelyopterus galeatus (Siluriformes, Auchenipteridae em dois reservatórios no semiárido Neotropical

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    José I. M. Sousa

    2017-11-01

    Full Text Available RESUMO Alimentação de peixes propicia dados para discussão de aspectos teóricos atendendo a propósitos como o conhecimento básico da biologia de uma determinada espécie através do entendimento da organização trófica em um determinado ambiente. Assim, objetivou-se analisar a composição alimentar e a morfologia, associadas ao hábito alimentar de Trachelyopterus galeatus (Linnaeus, 1766 e avaliar as alterações da dieta ao longo do tempo. As coletas dos indivíduos ocorreram trimestralmente, durante os meses de fevereiro, maio, agosto e novembro de 2013, por meio de redes de esperas com diferentes malhas distribuídas em oito pontos no reservatório de Santa Cruz e em cinco pontos no reservatório de Umari, ambos localizados no Rio Grande do Norte. Dos itens identificados da dieta foram obtidas as frequências de ocorrência e volumétrica, combinadas no cálculo de Índice Alimentar (IAi. Os volumes dos itens foram ordenados em NMDS e as suas diferenças testadas em PERMANOVA, a contribuição de cada item alimentar para as diferenças entre os reservatórios foi avaliada através da análise SIMPER. As análises dos conteúdos alimentares permitiram a classificação da espécie como carnívora, constatando-se significativas alterações temporais em sua dieta, com as características morfológicas em conformidade ao consumo dos itens alimentares.

  5. Características produtivas de novilhas submetidas à restrição alimentar e dieta suplementada com vitaminas D e E

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marina Parrili

    2011-08-01

    Full Text Available O objetivo deste trabalho foi avaliar os efeitos da restrição alimentar e de dieta de suplementação com vitaminas D e E sobre o desempenho e características de carcaça de novilhas Canchim. Vinte e quatro fêmeas, com peso vivo inicial médio de 251,95±18,49 kg, foram distribuídas em quatro tratamentos: alimentação em quantidade restrita e não restrita, com e sem suplementação de vitaminas D e E. Utilizou-se o delineamento inteiramente casualizado, em arranjo fatorial 2x2, com seis repetições. Os animais com alimentação restrita receberam, por 48 dias, 70% da dieta fornecida ao grupo de alimentação não restrita. Após o período de restrição (peso médio de 300,10 kg, eles voltaram a receber ração à vontade por mais 77 dias, até atingirem peso de abate de 380 kg. As avaliações foram feitas ao final dos períodos de restrição e de realimentação. Não foi observado efeito da restrição alimentar sobre o desempenho animal. Novilhas que não receberam suplementação vitamínica apresentaram maiores índices de fragmentação miofibrilar, luminosidade e mastigabilidade, e menor força de cisalhamento. A restrição alimentar não afeta o desempenho nem as características de carcaça das novilhas Canchim, e a suplementação com vitaminas D e E não melhora a qualidade da carne.

  6. Escolhas alimentares e comportamento de consumo

    OpenAIRE

    Mazzonetto, Ana Cláudia

    2012-01-01

    Dissertação [mesterado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Ciências da Saúde. Programa de Pós-Graduação em Nutrição A criança é reconhecida como consumidor pela possibilidade de fazer escolhas e realizar compras independentes e também por direcionar as escolhas dos pais, direta ou indiretamente. Estudos mostram que as crianças gastam dinheiro próprio com doces, chocolates, bebidas açucaradas, salgadinhos de pacote e outros petiscos; assim como influenciam seus pais a adqui...

  7. Propriedades funcionais da semente do sorgo (Sorghum bicolor (L. Moench in natura e germinado

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    D. D. F. Leite

    2016-01-01

    Full Text Available A utilização de sementes germinadas na elaboração de produtos alimentícios com boa qualidade nutricional é uma possibilidade e o sorgo pode se apresentar como alternativa ao consumo dos cereais convencionais. O objetivo deste estudo foi de observar as alterações nos parâmetros físico-químicos da semente de sorgo antes e após o processo de germinação, assim como avaliar as propriedades funcionais indicando suas possíveis utilizações como ingrediente alimentar. As sementes germinadas apresentaram um aumento no teor proteico, passando de 4,32 para 7,20%, além da diminuição no teor de amido e consequente aumento no teor de açúcares redutores. A partir das propriedades funcionais avaliadas, a semente de sorgo germinada apresentou uma boa capacidade de absorção de óleo, podendo ser utilizado como ingrediente para auxiliar na textura e suculência de produtos. A germinação garantiu boa capacidade de formação de espuma e sua estabilidade, podendo ser utilizado como ingrediente em produtos alimentícios de fermentação, como bolos e biscoitos, além de bom agente de formação de gel podendo ser útil em sistemas alimentícios como pudim e lanches, que requerem espessamento e gelificação.Properties of sorghum seed Functional (Sorghum bicolor (L. Moench in natura and germinatedAbstract: The use of germinated seeds in the preparation of food products with good nutritional quality is a possibility and sorghum can be presented as an alternative to the consumption of conventional cereals. The objective of this study was to observe the changes in physical and chemical parameters of sorghum seed before and after the germination process, and assess the functional properties indicating their possible use as a food ingredient. Germinated seeds showed an increase in protein content, from 4.32 to 7.20% in addition to the decrease in the starch content and the consequent increase in reducing sugars. From the functional properties

  8. Microorganismos e seus metabólitos utilizados na indústria de alimentos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Flávia De Floriani Pozza Rebello

    2010-01-01

    Full Text Available Um grande desafio para a indústria de alimentos atualmente, é atender aos anseios do consumidor, no sentido de oferecer alimentos processados, livre de aditivos químicos e submetidos a tratamentos térmicos cada vez mais brandos, a fim de que estes sejam o mais natural possível, garantindo a segurança microbiológica destes produtos. Alguns patógenos alimentares, como a Listeria monocytogenes e Escherichia coli O157:H7, bactérias extremamente nocivas à saúde, podendo levar à abortos e até mesmo ao óbito, emergiram à medida que houve um maior consumo de produtos refrigerados. Assim, há um crescente interesse pelos chamados bioconservantes alimentares. As bacteriocinas são peptídios com atividade antimicrobiana, ribossomicamente sintetizados e secretados por bactérias produzidas por diferentes cepas, principalmente as do gênero Bacillus. Essas bacteriocinas têm a capacidade de destruir ou inibir o crescimento de outras bactérias taxonomicamente relacionadas com a cepa produtora. Uma vez que as bactérias lácticas estão presentes naturalmente em produtos fermentados, suas bacteriocinas são aceitas pela legislação e pelos consumidores como aditivos alimentares. Esse trabalho de revisão tem como objetivo destacar o uso de bacteriocinas como bioconservantes em alimentos.

  9. Ingestão alimentar em pacientes com doença inflamatória intestinal Food intake in patients with inflammatory bowel disease

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Alice Freitas da Silva

    2011-09-01

    Full Text Available RACIONAL: Pacientes com doença inflamatória intestinal podem apresentar deficiências nutricionais. OBJETIVO: Verificar a adequação da ingestão alimentar de pacientes com doença de Crohn e retocolite ulcerativa inespecífica. MÉTODOS: Para avaliação da ingestão alimentar de 55 pacientes, 28 com doença de Crohn e 27 com retocolite ulcerativa atendidos em ambulatório de gastroenterologia, utilizou-se o Recordatório Alimentar de 24 Horas e o Questionário de Frequência Alimentar. A atividade inflamatória da doença foi avaliada pelos níveis séricos de proteína C reativa e o Índice de Harvey e Bradshaw. Para comparação de médias foi usado o teste t não pareado e, para as médias não paramétricas, o teste de Mann-Whitney, considerando nível de significância valor de pBACKGROUND: Patients with inflammatory bowel disease may have nutritional deficiencies. AIM: To verify the adequacy of dietary intake of patients with Crohn's disease and ulcerative colitis. METHODS: To assess food intake of 55 patients, 28 with Crohn's disease and 27 with ulcerative colitis treated in the gastroenterology clinic, was used the 24-Hour Food Recall and Food Frequency Questionnaire. The inflammatory activity of the disease was evaluated by serum C-reactive protein and Harvey and Bradshaw Index. For comparison of means t test was used, and the average on non-parametric, the Mann-Whitney test, with level of significance p <0.05. RESULTS: The patients were aged between 19 and 63 years and time since diagnosis was 7.9 years (1 to 22. According to the food intake was identified deficiency in energy intake, fiber, iron, potassium, sodium, magnesium, calcium, menadione, riboflavin, niacin, folate, pantothenic acid, tocopherol and cholecalciferol in Crohn's disease and ulcerative colitis, active or in remission. The intake of vegetables, fruits, dairy products and beans were low, and intake of fats and sweets was higher than the recommendations

  10. Associação entre comportamento alimentar, consumo de cigarro, drogas e episódios depressivos em adolescentes Association between eating behavior and smoking, use of illicit drugs and depressive episodes in adolescents

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Juliany Piazzon Gomes

    2010-10-01

    Full Text Available Objetivo Identificar a prevalência de sintomas de transtornos alimentares em estudantes do sexo feminino matriculadas no ensino fundamental da rede estadual do município de Toledo (PR, bem como relacionar esses sintomas com o hábito de fumar, o uso de drogas e episódios depressivos. Métodos Foram utilizados os instrumentos Teste de Investigação Bulímica de Edimburgo, com escala de sintoma e gravidade, e o Eating Attitudes Test-26, acrescido de perguntas sobre tabagismo, uso de drogas e episódios depressivos. A amostra constituiu-se de cerca de 300 estudantes do sexo feminino, na faixa etária entre 10 e 15 anos. Resultados Os resultados demonstraram que as estudantes apresentaram prevalências de sintomas de transtornos alimentares na ordem de 4,2% para a escala Teste de Investigação Bulímica de Edimburgo e 3,6% para o Eating Attitudes Test-26. A prevalência de consumo de cigarro foi de 4,2%, do uso de drogas, 4,9% e de episódios depressivos, 10,7%. Observaram-se associações significativas entre episódios depressivos e os seguintes parâmetros: Teste de Investigação Bulímica de Edimburgo - escala de sintomas (p=0,04 e Teste de Investigação Bulímica de Edimburgo - escala de gravidade (p=0,02. Os hábitos de fumar (p=0,01 e de usar drogas (p=0,04 também apresentaram associação com Teste de Investigação Bulímica de Edimburgo - escala de sintomas. Conclusão Verificou-se nas estudantes deste estudo elevada probabilidade de desenvolver comportamentos de risco, tais como transtornos alimentares e episódios depressivos.Objective The goal of this study was to identify the prevalence of symptoms of eating disorders in female students enrolled in state elementary schools and investigate a possible association between these eating disorders and smoking, illicit drug use and depressive episodes. Methods The Bulimic Investigatory Test of Edinburgh with symptom and severity scales and the Eating Attitudes Test - 26 with

  11. Revisão de literatura sobre alimentação e saúde - doi: 10.5102/ucs.v2i1.528

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Priscilla Marcondelli

    2008-04-01

    Full Text Available objetivo do presente trabalho é, a partir da revisão dos diversos estudos realizados, ressaltar a importância dos hábitos alimentares para a saúde e descrever os métodos existentes de avaliação do consumo alimentar. A rápida mecanização da vida diária traz alguns perigos como as mudanças do comportamento alimentar, que fazem parte do contexto maior da transição nutricional, com alterações quantitativas e qualitativas na dieta. Como exemplo, observa-se o aumento da ingestão energética com um papel maior de gorduras e açúcares adicionados nos alimentos, grande ingestão de gorduras saturadas, principalmente de origem animal, ingestão reduzida de carboidratos complexos e fibras dietéticas e redução da ingestão de frutas e vegetais. Fica claro portanto, que a dieta com toda sua variedade cultural, pode dar indicativos das condições de saúde, crescimento e desenvolvimento dos indivíduos, sendo de fundamental importância a correta caracterização dos hábitos alimentares para uma adequada intervenção e educação nutricional.

  12. Desenvolvimento de um inquérito para avaliação da ingestão alimentar de grupos populacionais Development of a questionnaire to assess food intake of population groups

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Regiane Lopes de Sales

    2006-10-01

    Full Text Available OBJETIVOS: Este trabalho procurou desenvolver um instrumento para obtenção de dados relativos ao consumo alimentar, de caráter qualitativo e quantitativo, para avaliar a ingestão dietética em estudos populacionais. MÉTODOS: Inicialmente foram coletados dados sobre a ingestão alimentar de uma amostra representativa de moradores da cidade de Viçosa (n=119. Para conhecer os alimentos mais consumidos e seus porcionamentos, foram utilizados os métodos recordatório de 24h e pesagem direta. A entrevista ocorreu no horário do almoço ou jantar, com pesagem de todos os alimentos constantes na refeição e de porções referidas como consumidas nas últimas 24h, usou-se também álbum fotográfico como auxiliar na estimativa do peso da porção. RESULTADOS: A partir dos 60 alimentos mais consumidos e dos porcionamentos identificados, foi desenvolvido um inquérito baseado no método Freqüência de Consumo Alimentar semi-quantitativo, com 65 itens e um álbum fotográfico de alimentos. Realizou-se um estudo piloto para avaliação desta metodologia em uma sub-amostra (n=34. Para comparação entre os dois métodos, avaliaram-se o valor energético e os macronutrientes, utilizando o coeficiente de Pearson e o teste "t" de Student, tendo-se obtido: r=0,53 para energia, r=0,43 para proteína, r=0,58 para lipídeos e r=0,21 para carboidratos. Não foi detectada diferença significante entre os dois métodos para proteína e lipídeos, pelo teste "t" (alfa=0,05. CONCLUSÃO: O inquérito desenvolvido mostrou-se um instrumento promissor para inquéritos populacionais, no entanto, são necessários maiores estudos para averiguar as limitações e os possíveis desdobramentos do inquérito para atingir toda a população.OBJECTIVE: This study sought to develop an instrument to obtain and assess data on the qualitative and quantitative food intake of population groups. METHODS: Initially, data on food intake of a representative sample of inhabitants of

  13. Influência da televisão no consumo alimentar e na obesidade em crianças e adolescentes: uma revisão sistemática Television influence on food intake and obesity in children and adolescents: a systematic review

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Camila Elizandra Rossi

    2010-08-01

    Full Text Available O objetivo deste trabalho foi identificar a influência da televisão no consumo alimentar e na obesidade em crianças e adolescentes. Realizou-se revisão sistemática nas bases MedLine, PubMed, SciELO-Brasil e Lilacs, capturando-se 73 artigos publicados entre 1997 e 2007. Definiu-se não analisar artigos com adultos ou pré-escolares, notas, comunicações, revisões, amostras de população específica (indígenas, por exemplo e enferma (exceto obesidade, e estudos de intervenção, selecionando-se vinte artigos para análise. Em seis, dentre oito estudos brasileiros, observou-se associação significativa entre televisão e obesidade, e, em um destes, também se verificou associação positiva entre televisão e consumo alimentar. Nas investigações internacionais, observaram-se seis, dentre dez artigos, evidenciando associação entre televisão e obesidade, além de se identificar associação inversa entre televisão e tempo de atividade física. Em cinco artigos, do total de seis internacionais que investigaram o consumo alimentar, observou-se associação significativa entre televisão e ingestão alimentar, verificando-se que crianças e adolescentes que despendem maior tempo com a televisão tendem a ingerir menos frutas e verduras, e mais porções de salgadinhos, doces e bebidas com elevado teor de açúcar. A associação entre televisão e consumo alimentar foi evidente (85% dos artigos, e a associação com obesidade apareceu em 60% dos artigos. Ao identificar-se que o tempo em frente à TV associa-se à inadequação dos hábitos alimentares e à redução da atividade física, revela-se o hábito de assistir à televisão como um importante fator que pode propiciar a obesidade entre crianças e adolescentes.The objective of this study was to identify the influence that watching television has on food intake and obesity in children and adolescents. A systematic review of the MedLine, PubMed, SciELO-Brasil and Lilacs databases

  14. Crescimento e parâmetros reprodutivos de ratas Wistar, em restrição alimentar desde o nascimento = Growth and reproductive parameters of female Wistar rats under food restriction since birth

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Camila Montoro Mazeti

    2008-04-01

    Full Text Available Este trabalho teve como objetivo caracterizar o desenvolvimento de ratas Wistar, submetidas à restrição alimentar desde o nascimento, investigando algumas alterações quantitativas e funcionais resultantes desta deficiência. A restrição alimentar foi imposta por duplicação do tamanho da ninhada experimental (grupo-restrição, 12 filhotes em relação à ninhada-controle (grupo-controle, seis filhotes durante a lactação, e por redução de 50% no alimento ofertado desde o desmame até os 90 dias de idade. As ratas do grupo-restrição, comparadas às do grupo-controle, apresentaram crescimento ponderal e linear inferior, menor peso de órgãos e depósitos abdominais de gordura pouco desenvolvidos e retardo na idade da abertura vaginal. Por outro lado, seu crescimento prosseguiu por todo o período de 90 dias. Após o cruzamento, as ratas do grupo-controletiveram ninhadas numerosas, enquanto nenhuma das ratas do grupo-restrição emprenhou. Concluiu-se que a restrição alimentar, durante e após a lactação, interferiu negativamente no desenvolvimento corporal das ratas, retardou o início da puberdade, indicado pela idadeda abertura vaginal, comprometeu o crescimento dos órgãos internos e a deposição de gordura, e impediu a concepção.This work had the purpose of characterizing the development of female Wistar rats subjected to food restriction since birth, investigatingsome quantitative and functional changes resulting from this deficiency. Food restriction was imposed through duplication of the litter size (restriction group, 12 pups relative to the control litter (control group, six pups during lactation, and through reduction in 50% of the food supplied from weaning to 90 days of age. The female rats of the restriction group, when compared to the controls, had smaller linear and ponderal growth, lower organweight and poorly developed abdominal fat deposits, and delayed vaginal opening. On the other hand, their growth

  15. Fusões e Aquisições no Varejo Alimentar: uma análise das estratégias de entrada e de crescimento do Carrefour e Wal-Mart no mercado brasileiro

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Roberto Minadeo

    2009-12-01

    Full Text Available http://dx.doi.org/10.5007/2175-8077.2009v11n24p102   Em 2006, a Wal-Mart no Brasil ultrapassou o Carrefour, assumindo a segunda colocação no ranking do varejo alimentar do país. O maior varejista mundial ingressou no mercado brasileiro em 1995, enfrentou problemas em seus primeiros anos, porém, depois empreendeu um programa de crescimento pela abertura de novas lojas e pela aquisição de algumas redes nacionais. Enquanto isso, o Carrefour, que ingressara 20 anos antes na economia brasileira, e que atingira a liderança do ranking no ano de 1990, apenas por meio de um programa de abertura de novos hipermercados, iniciou um processo de ingresso no varejo de vizinhança, adquirindo diversas redes locais, porém, com resultados duvidosos. Logo após o anúncio da perda da segunda posição ao Wal-Mart, o Carrefour anunciou a compra da rede Atacadão, com a qual aspira retomar a liderança. Neste artigo faz-se uma análise das estratégias de entrada, da trajetória de crescimento das duas empresas, bem como da aquisição da rede Atacadão pelo Carrefour, considerada aqui como estratégica para a retomada da liderança no segmento e para defender-se da entrada ou afirmação dos seus concorrentes.

  16. Elaboração de questionário de frequência alimentar semiquantitativo para adolescentes da região metropolitana do Rio de Janeiro, Brasil Development of a semiquantitative food frequency questionnaire for adolescents from the Rio de Janeiro metropolitan area, Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marina Campos Araujo

    2010-04-01

    Full Text Available OBJETIVO: Descrever a elaboração de um questionário de frequência alimentar para adolescentes do Rio de Janeiro, Brasil. MÉTODOS: Para seleção dos itens alimentares incluídos no questionário de frequência alimentar, utilizaram-se dados de três dias de registro alimentar obtidos em uma amostra de 430 estudantes, na faixa etária de 12 a 19 anos, da rede de ensino estadual de Niterói, Rio de Janeiro. Foram incluídos os itens alimentares mais citados nos registros e que contribuíram com 95% do consumo de energia e nutrientes dos registros alimentares. As porções de referência foram as mais frequentemente referidas nos registros do estudo de base. As opções de frequência foram definidas de forma diferenciada para os diversos itens do questionário. RESULTADOS: Nos registros foram listados 306 alimentos, dos quais 249 itens foram incluídos no questionário, isoladamente ou agrupados, compondo uma lista de 90 itens. Os 14 itens alimentares mais consumidos por adolescentes do Rio de Janeiro, nesse estudo e em estudo anterior, foram associados a oito opções de frequência de consumo; 18 itens alimentares foram acoplados a sete opções de frequência e para 58 itens foram definidas cinco opções de frequência. CONCLUSÃO: O estudo permitiu a elaboração do questionário de frequência alimentar para adolescentes da Região Metropolitana do Rio de Janeiro, o qual será submetido às análises de reprodutibilidade e validade. Este questionário representa um instrumento valioso para pesquisas epidemiológicas que investiguem o consumo alimentar de adolescentes.OBJECTIVE: The objective of this study was to describe the development of a food frequency questionnaire for adolescents from the Rio de Janeiro metropolitan area, Brazil. METHODS: The selection of food items included in the questionnaire was done by recording the foods consumed during 3 days by 430 students aged 12 to 19 years from the public schools of Niterói (RJ Brasil

  17. Nutritional education: a tool for healthy feeding

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Querubina Bringel Olinda

    2010-09-01

    Full Text Available Em 2007, no Brasil, as doenças do aparelho circulatório levaram 308.466 pessoas ao óbito, contribuindo com 31,89% de todas as mortes. Em conjunto, elas representaram uma taxa de 162,9 óbitos por cem mil habitantes. As neoplasias, no ano referido, dentro dos grandes grupos de causas de morte, resultaram numa carga de 159.092 óbitos, contribuíram com 16,7% de todas as mortes e conceberam uma taxa de mortalidade específica de 84,0 óbitos por cem mil habitantes(1. Essas doenças têm importantes fatores de risco, claramente descritos na literatura. Entre eles, encontramos os fatores ambientais como tabagismo,alcoolismo, prática de atividade física e alimentação. Alimentação saudável. Muitos são os conceitos dados ao ato de alimentarse. Quando falamos em alimentação saudável devemos pensar em qualidadee quantidade do que ingerimos. Os alimentos saudáveis têm sido colocados em diferentes mídias como promotores de saúde e os estudos epidemiológicos mostram uma relação inversa entre o consumo de frutas e vegetais, associados à prática de atividade física, com a redução do risco de doenças crônicas, como as cardiovasculares e o câncer(2. O efeito protetor da alimentação inicia-se com as práticas alimentares da infância, com o ato de amamentar e de oferecer uma alimentação equilibrada para as crianças. O consumo alimentar dos pais, certamente é determinante nas escolhas alimentares das crianças e, portanto, responsável pela provável garantia de uma alimentação promotora de saúde. O poder aquisitivo das famílias nem sempre é garantidor de escolhas alimentares saudáveis. Doces, enlatados, embutidos,churrascos refrigerantes são alimentos frequentes no consumo alimentar dos indivíduos, independente do seu poder aquisitivo. Ao contrário, frutas, vegetais, cereais integrais são alimentos de segunda escolha e seu baixo consumo está associado ao aumento do risco de obesidade, câncer, dislipidemias. Nesse

  18. Produção de ácido lático e dextrana utilizando suco de caju como substrato Production of lactic acid and dextran using cashew apple juice as a substrate

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Talita Lopes Honorato

    2007-06-01

    Full Text Available O presente trabalho teve como objetivo estudar a utilização de excedentes agrícolas como substrato para produção de dextrana e ácido lático. As fermentações foram conduzidas com o microorganismo Leuconostoc mesenteroides B512F, em meio contendo suco de caju e sacarose. As concentrações de açúcar redutor e sacarose foram variadas de acordo com um planejamento experimental. No final da fermentação foram quantificados a dextrana, o ácido lático e a biomassa produzida. Os resultados foram avaliados através da metodologia de análise de superfície de resposta. De acordo com os resultados obtidos, a elevação da concentração de açúcares favorece a produção de dextrana e de ácido lático. A utilização do suco de caju como substrato alternativo para produção de dextrana e ácido lático apresentou viabilidade técnica.The main aim of the present work was to study the use of agriculture excess as substrates for dextran and lactic acid production. The fermentations were carried out with the microorganism Leuconostoc mesenteroides B512F in a medium containing cashew apple juice and sucrose. The concentrations of reducing sugar and sucrose were varied according to factorial planning. At the end of the fermentation the dextran, the lactic acid and biomass produced were quantified.The results were analyzed by the surface response analysis methodology. According to the results increasing the sugar level favors dextran and lactic acid production. The use of cashew apple juice as an alternative substrate for dextran and lactic acid production presented technical viability.

  19. Ochratoxin A in coffee: control and analitical methodology with emphasis in food safety/ Ocratoxina A em café: controle e metodologia analítica com ênfase a inovação no contexto de segurança alimentar

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Elisa Yoko Hirooka

    2002-05-01

    Full Text Available The Brazilian coffee is one of the most important product in the national and international trade, with emphasis on fungal and ochratoxin A (OTA contamination. The caffeine is spotted among natural mechanism of defense capable to inhibit mycotoxins production, including OTA which is continuously discussed in the globalized world. Concerning that transgenic plants produced by molecular techniques are motive of serious barriers in the food safety, the classic toxin monitoring still continues option for safety problem solution. The disadvantages concerning chemical methods stimulated development of enzyme linked immunosorbent assay (ELISA, and imunoaffinity as promising alternative for the detection of OTA. With intention to guarantee the quality of coffee, the revision discerns about caffeine as a component of natural defense of plant, in parallel to highly sensitive simple tool, which can be indispensable for ochratoxin diagnosis at field level.A cafeicultura brasileira se destaca no mercado interno e comércio exterior, com ênfase a contaminação fúngica e ocratoxina A (OTA. A cafeína destaca-se entre os componentes naturais de defesa capazes de inibir produção de micotoxinas em café, inclusive a ocratoxina A (OTA, que vem constituindo num dos tópicos primordiais no controle de qualidade no mundo globalizado. Considerando que a garantia de matéria prima através de técnicas moleculares apresenta sérias barreiras na segurança alimentar, o constante monitoramento de toxinas ainda constitui opção para solução imediata do problema. As desvantagens inerentes à metodologia analítica química estimularam o emprego de imunoensaio “enzyme linked immunosorbent assay” (ELISA e colunas de imunoafinidade como alternativas promissoras na detecção de OTA em alimentos. Visando garantir a qualidade de café sob o tópico de segurança alimentar, a revisão discerne sobre cafeína como componente de defesa natural de planta, aliado a m

  20. México como ente innovador

    OpenAIRE

    Cuervo Escalona, Javier; Calderón Salinas, José Victor

    2013-01-01

    México requiere entrar de lleno a una etapa de aplicación innovadora del conocimiento, donde la información obtenida por el trabajo científico y el desarrollo tecnológico se traduzca en aplicación tecnológica, patentes y obtención de satisfactores directamente involucrados con la inversión que se hace a ciencia y tecnología. Hasta ahora los datos muestran que hay una disociación entre ambos parámetros y lo que hace parecer que la inversión en ciencia y tecnología alimentaría a la innovación d...

  1. Transtornos alimentares comórbidos em uma amostra clínica de adultos com transtorno do déficit de atenção com hiperatividade Comorbid eating disorders in a Brazilian Attention-Deficit/Hyperactivity Disorder adult clinical sample

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Paulo Mattos

    2004-12-01

    Full Text Available A comorbidade de transtornos alimentares (TA com o transtorno do déficit de atenção com hiperatividade (TDAH é pouco investigada, apesar de relevante para o tratamento clínico. MÉTODOS: 86 adultos com transtorno do déficit de atenção com hipeartividade segundo o DSM-IV de uma amostra inicial de 107 indivíduos auto-referidos para um centro especializado em TDAH foram entrevistados com o SCID-P para avaliar a presença de transtornos alimentares e outros transtornos comórbidos. RESULTADOS: Nove pacientes apresentavam transtornos alimentares, sendo o transtorno da compulsão alimentar periódica (TCAP o diagnóstico mais comum. O grupo com transtornos alimentares revelou maior número de comorbidades (p=0,02, não foram observadas, entretanto, diferenças quanto ao sexo, idade na avaliação atual, escolaridade e tipo de transtorno do déficit de atenção com hiperatividade entre os grupos. CONCLUSÃO: Amostras clínicas de transtorno do déficit de atenção com hiperatividade podem apresentar elevada prevalência de comorbidade com transtorno da compulsão alimentar periódica. Pacientes com transtorno do déficit de atenção com hiperatividade e transtornos alimentares podem apresentar um perfil diferente de comorbidades.Although comorbidity between attention-deficit/hyperactivity disorder (ADHD and eating disorders (ED is relevant for clinical treatment, it is seldom investigated. METHODS: 86 DSM-IV attention deficity hyperactivity disorder patients out of 107 self-referred adults in a specialized center for attention deficity hyperactivity disorder were interviewed using SCID-R to evaluate the lifetime prevalence of ED and other comorbid conditions. RESULTS: Nine attention deficity hyperactivity disorder patients had comorbid eating disorders; binge eating disorder (BED was the most common diagnosis. The group with eating disorders presented a higher prevalence of other comorbid disorders (p=0.02. No significant differences were

  2. Uso do método Grade of Membership na identificação de perfis de consumo e comportamento alimentar de adolescentes do Rio de Janeiro, Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Letícia de Oliveira Cardoso

    2011-02-01

    Full Text Available Com objetivo de identificar perfis de consumo e de comportamentos alimentares e descrever suas prevalências, aplicou-se o método Grade of Membership em dados de um inquérito sobre fatores de risco à saúde de adolescentes do ensino fundamental da cidade do Rio de Janeiro, Brasil (N = 1.632. Foram gerados quatro perfis: perfil "A" (12,1%, caracterizado pelo consumo frequente de todos os alimentos marcadores de dieta saudável, menos frequente dos alimentos não saudáveis e pela presença de comportamentos alimentares saudáveis; perfil "B" (45,8%, marcado pelo hábito de realizar o desjejum e três refeições/dia, consumo menos frequente de legumes e frutas e de cinco dos marcadores de alimentação não saudável; perfil "C" (22,8%, ausência de comportamentos alimentares saudáveis e pelo consumo menos frequente de legumes, frutas, leite, embutidos, biscoitos e refrigerantes; e perfil "D", caracterizado pelo consumo frequente de todos os alimentos não saudáveis e menos frequente de legumes e frutas. Os resultados apontam para a necessidade de promoção da alimentação saudável nesta população.

  3. Isolation, identification and physiological study of Lactobacillus fermentum LPB for use as probiotic in chickens Isolamento, identificação e estudos fisiológicos de Lactobacillus fermentum LPB para uso como probiótico em frangos de corte

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Elizete de F. Reque

    2000-10-01

    testado para uso como probiótico em frangos. O isolado bacteriano foi avaliado como suplemento alimentar para frangos de corte. Os resultados mostraram que, em comparação com a presença e efeitos de antibióticos, a implantação de L. fermentum LPB, resultou em efeitos similares, manifestado por eficiência alimentar durante o crescimento de frangos.

  4. Avaliação da satisfação das necessidades energéticas e proteicas e desperdício alimentar de utentes internados no CHCB, EPE-Hospital Pêro da Covilhã

    OpenAIRE

    Pires, Daniela Cristina Veigas

    2012-01-01

    Resumo da tese: Introdução: Existe uma preocupação crescente com a ingestão alimentar dos utentes hospitalizados devido à elevada prevalência de malnutrição, com repercussões a nível individual e do desperdício gerado. Objetivos: Caracterizar utentes internados no Centro Hospitalar Cova da Beira, EPE - Hospital Pêro da Covilhã relativamente a dados antropométricos, ingestão energética e proteica, satisfação das necessidades, risco de malnutrição, desperdício alimentar, as suas causas e custo....

  5. Publicidade de alimentos e escolhas alimentares de crianças

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marcia Hiroko Ueda

    Full Text Available O efeito de vídeos de desenhos com publicidade de alimentos saudáveis e não saudáveis versus vídeos neutros sobre as escolhas alimentares foi avaliado em 24 crianças de escola pública. Os vídeos foram apresentados em cinco sessões, sendo cada grupo exposto a uma sequência específica de publicidade. Após a exposição, a criança escolhia figuras de alimentos para as refeições do dia. Análises intra e entre sujeitos, por meio da Ancova de medidas repetidas, demonstraram que, com a mudança de vídeo, as crianças alteraram em até 13% a escolha de alimentos saudáveis ou não. O aumento da exibição de publicidade de alimentos saudáveis e a diminuição da publicidade de alimentos não saudáveis pode contribuir para a alimentação e peso saudáveis.

  6. Suplementos alimentares e redução de peso : monografia : Dietary supplements and weight reduction

    OpenAIRE

    Teixeira, Débora Cristina Monteiro

    2009-01-01

    Resumo da tese:A prevalência da obesidade tem vindo a aumentar nos últimos anos. Estima-se que actualmente existam 1600 milhões de pessoas com excesso de peso no mundo, sendo que dessas, 400 milhões são obesas. As dificuldades na adop-ção de hábitos alimentares mais saudáveis e o estilo de vida predominante-mente sedentário, aliadas às expectativas de perda de peso por vezes irrealis-tas, levam ao desejo por uma fórmula mágica que traga resultados rápidos, com o mínimo de esforço. Os suplemen...

  7. Práticas alimentares na gravidez: um estudo com gestantes e puérperas de um complexo de favelas do Rio de Janeiro (RJ, Brasil Eating practices during pregnancy: a study of low-income pregnant and postpartum women in Rio de Janeiro (RJ, Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Mirian Ribeiro Baião

    2010-10-01

    Full Text Available O estudo teve como objetivo analisar as práticas alimentares durante a gestação relatadas por mulheres grávidas e puérperas, moradoras em um complexo de favelas do município do Rio de Janeiro. Optou-se por uma pesquisa de base interpretativa, na qual se utilizou entrevista semiestruturada e análise de conteúdo em sua vertente temática. Foram incluídas 18 gestantes e oito puérperas (n=26, sendo sete adolescentes e 19 adultas; primíparas e multíparas. Para as mulheres, comer e assistir à televisão, comer fora de casa e comer com parentes e amigos no fim de semana eram formas de associar lazer à comida, aumentando o prazer por ela. A renda foi apontada como a principal barreira para o consumo de alimentos saudáveis, que era prioridade das crianças. Por esses motivos, leite, verduras, legumes e frutas eram pouco consumidos. A dieta era composta basicamente por arroz, feijão e frango. Houve preferência por "besteiras". As mulheres estavam submetidas a uma alimentação monótona. Ressalta-se a importância da compreensão e valorização das questões socioculturais e econômicas que influenciam as práticas alimentares, a fim de que a orientação alimentar e nutricional, visando à alimentação saudável, possa ser negociada e ajustada às necessidades e à subjetividade das mulheres grávidas.This study aimed to analyze the self-reported eating practices of pregnant and postpartum women living in a group of slum communities in the city of Rio de Janeiro, RJ, Brazil. The interpretative methodology used a semi-structured interview and thematic content analysis. The sample (n=26 consisted of 18 pregnant and 8 postpartum women, of whom 7 were adolescents and 19 adults, including both primiparous and multiparous subjects. According to these women, eating while watching television, eating out, and eating with relatives and friends on weekends were forms of associating leisure-time activities with food, thus increasing their pleasure

  8. Estudo químico de alimentos formulados à base de palmito Bactris gasipaes H.B.K. (pupunha desidratado

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Monteiro Marlene Azevedo Magalhães

    2002-01-01

    Full Text Available O coração da palmeira Bactris gasipaes H.B.K. (pupunha foi utilizado, sob forma desidratada, na formulação de uma sopa-creme para merenda escolar. Análises químicas do palmito e do coração da palmeira (açúcares redutores, lipídeos, proteínas totais, aminograma, fibras, calorias e minerais foram feitas tanto na forma in natura como na forma processada, bem como na de sopa-creme. Não foram encontradas diferenças relevantes em relação a essas determinações, podendo-se ressaltar a boa qualidade aminoacídica do coração da palmeira.

  9. Intervenção nutricional educativa como ferramenta eficaz para mudança de hábitos alimentares e peso corporal entre praticantes de atividade física Educational nutritional intervention as an effective tool for changing eating habits and body weight among those who practice physical activities

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Pryscila Dryelle Sousa Teixeira

    2013-02-01

    Full Text Available O presente estudo avaliou a eficácia de dois métodos de intervenção nutricional educativa entre mulheres praticantes de atividade física regular visando à adoção de práticas alimentares saudáveis. A população foi constituída de 52 mulheres de 19 a 59 anos, frequentadoras do Programa Academia da Cidade (Aracaju, SE. O estudo teve delineamento de comparação de dois grupos de intervenção e foi do tipo pré-teste/pós-teste. As ações educativas foram baseadas em dois protocolos, uma com ação menos intensiva (Grupo P1 e outra mais intensiva (Grupo P2, num período de dois meses. As variáveis analisadas foram as de conhecimento nutricional, medidas antropométricas e mudanças nos hábitos alimentares. As modificações identificadas foram melhora nos hábitos alimentares e redução do peso e Índice de Massa Corpórea para o Grupo P2. As modificações citadas referiram-se, principalmente, ao aumento do consumo de frutas, verduras e legumes, redução de gordura das preparações, redução do volume do alimento ingerido por refeição e aumento do fracionamento da dieta. Em relação aos conhecimentos em nutrição apenas 2 das 12 perguntas apresentaram aumento significativo da nota. A intervenção nutricional mais intensiva mostrou-se eficaz para mudanças de hábitos alimentares com repercussão na perda de peso corporal.The scope of this study was to evaluate the effectiveness of two methods of educational nutritional intervention together with women who practice regular physical activities by fostering the adoption of healthy eating habits. The study population consisted of 52 women aged between 19 and 59 who frequented the Academia da Cidade Program in Aracaju in the State of Sergipe. The study was a randomized comparison of two intervention groups and was of the pre-test/post-test variety. The educational activities were based on two protocols - one less intensive (P1 Group and one more intensive (P2 Group - over a

  10. Validação do Questionário de Freqüência Alimentar para Adolescentes (QFAA por grupos de alimentos em uma população de escolares Validation of a Food Frequency Questionnaire by food groups for the adolescent population

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Silvia Maria Voci

    2008-12-01

    Full Text Available OBJETIVO: Verificar a validade do Questionário de Freqüência Alimentar para Adolescentes para avaliar o consumo de grupos de alimentos entre escolares de Piracicaba, São Paulo. MÉTODOS: Participaram do estudo 94 adolescentes, com idade entre 11 e 15 anos, matriculados em uma escola da rede pública. O consumo alimentar foi avaliado pelo Questionário de Freqüência Alimentar para Adolescentes (QFAA e a média de dois Recordatórios de 24 horas (R24h foi utilizada como método de referência. Os itens alimentares foram classificados em 18 grupos. Foram realizadas análises descritivas, teste t-Student pareado e de Wilcoxon, coeficientes de correlação de Pearson e de Spearman. Foram também utilizadas análise de quartis e estatística Kappa ponderado. Os coeficientes de correlação foram corrigidos pela variância intrapessoal dos R24h, estimada a partir de ANOVA com um fator de classificação. RESULTADOS: Não foram verificadas diferenças significativas entre os instrumentos para o arroz, massas, carnes, refrigerantes e sucos artificiais. Os coeficientes de correlação corrigidos pela variabilidade intrapessoal variaram de -0,26 a 0,78. A concordância de classificação dos indivíduos no mesmo quartil de consumo para ambos os métodos variou de 22% (massas a 50% (feijão. Para quartis opostos, os grupos que tiveram mais de 10% dos indivíduos classificados incorretamente foram massas (19%, carnes (13% e gorduras (11%. Os valores de Kappa ponderado variaram de - 0,15 (massas a 0,56 (feijão. O QFAA superestimou o consumo de quase a totalidade dos grupos alimentares e subestimou os grupos dos óleos, feijão, carnes e refrigerantes. CONCLUSÃO: O instrumento apresentou boa validade para feijão, verduras e legumes, leite e derivados, biscoitos recheados e para o arroz.OBJECTIVE: To verify the validity of the Food Frequency Questionnaire for Adolescents in order to evaluate food group consumption among adolescents from Piracicaba, S

  11. Educação alimentar e nutricional com universitários residentes de moradia estudantil = Food and nutritional education to residents university student housing

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rosa, Priscila Bárbara Zanini

    2016-01-01

    Full Text Available Objetivo: Identificar e ampliar os conhecimentos sobre alimentos para contribuir na mudança de hábitos e práticas alimentares inadequadas de adultos jovens residentes de moradia estudantil. Materiais e Métodos: Estudo quase-experimental, no qual realizou-se uma intervenção educacional na área de alimentação e nutrição com 8 universitários residentes da casa do estudante. Foram realizados encontros semanais, durante três meses, na forma de diálogos e/ou atividades lúdicas e dinâmicas. Resultados: Com os dados de um questionário sobre comportamento alimentar foi possível conhecer o comportamento alimentar dos participantes. A auto avaliação, realizada ao final da intervenção, mostrou que os mesmos incorporaram as orientações de alimentação saudável debatidas nos encontros em seu dia a dia e que se sentiam mais seguros na hora de comprar os alimentos. Pediu-se para que pontuassem de 0 a 10 alguns tópicos sobre a intervenção e a forma de condução dos encontros e obteve-se notas entre 9,4 e 10. Na dinâmica de “verdadeiro ou falso”, em que se fez afirmativas que englobavam todos os assuntos abordados nos encontros, houve uma taxa de acerto das questões de 90 a 100%. Conclusão: Os encontros instigaram os universitários a mudarem alguns aspectos inadequados de sua alimentação e permitiram uma autonomia na hora de comprar alimentos (industrializados ou in natura

  12. Hábitos alimentares de escolares adolescentes de Pelotas, Brasil Food habits of adolescent students from Pelotas, Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marilda Borges Neutzling

    2010-06-01

    Full Text Available OBJETIVO: Descrever a frequência com que escolares adolescentes de Pelotas (RS estão seguindo as recomendações nacionais para uma alimentação saudável. MÉTODOS: Estudo transversal aninhado a um estudo longitudinal em 2004, incluindo adolescentes de 13 e 14 anos matriculados em 32 escolas públicas de Pelotas (RS. A amostra incluiu 2.209 adolescentes. Para avaliação da frequência de consumo alimentar, foi utilizado questionário proposto pelo Instituto Nacional do Câncer. Foram construídos desfechos baseados nos dez passos para a alimentação saudável propostos pelo Ministério da Saúde do Brasil. RESULTADOS: Os hábitos alimentares saudáveis mais frequentes foram o consumo diário de feijão e leite, relatado por cerca de metade dos adolescentes. Quase metade dos jovens referiu ingerir batata frita e salgadinhos no máximo uma vez por semana. Verificou-se consumo adequado de alimentos conservados e enlatados em 44,6% dos adolescentes. Pouco menos da metade dos jovens (43,6% nunca colocava sal adicional na comida. Quanto ao consumo de doces e outros alimentos ricos em açúcar, constatou-se que aproximadamente um terço deles consumia bolos ou biscoitos no máximo duas vezes por semana. CONCLUSÃO: Verificou-se baixa frequência de hábitos alimentares saudáveis em todos os subgrupos estudados, sendo a frequência mais baixa entre jovens de maior nível socioeconômico e entre as meninas. O hábito alimentar que apresentou mais baixa frequência - 5,3% dos adolescentes - foi o consumo de frutas e verduras cinco ou mais vezes por dia. Políticas públicas de promoção da saúde voltadas à melhoria da alimentação e nutrição dos adolescentes são necessárias e urgentes.OBJECTIVE: This study aimed to describe the extent to which adolescent students living in Pelotas, Brazil, follow the national recommendations for healthy eating. METHODS: A cross-sectional study was undertaken in 2004, nested to a longitudinal project

  13. Representações sobre segurança alimentar e nutricional nos discursos de um Conselho de Alimentação Escolar Representations on food security in the speeches of a Council of School Feeding

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luciara Souza Gallina

    2012-03-01

    Full Text Available Este trabalho objetiva conhecer as representações sobre segurança alimentar e nutricional dos membros do Conselho de Alimentação Escolar de um município do oeste catarinense. O conceito de segurança alimentar e nutricional consiste na realização do direito de todos ao acesso regular e permanente a alimentos de qualidade, em quantidade suficiente, sem comprometer o acesso a outras necessidades essenciais, tendo como base práticas alimentares promotoras da saúde, que respeitem a diversidade cultural e que sejam ambiental, cultural, econômica e socialmente sustentáveis. O Programa Nacional de Alimentação Escolar é uma das mais importantes estratégias adotadas pelo Governo Federal com vistas à melhoria das condições de segurança alimentar e nutricional da população escolar. Os Conselhos de Alimentação Escolar são estruturas flexíveis de gestão dessa política pública, pela via do controle social. Este se trata de um estudo transversal qualitativo, que adota o referencial teórico-metodológico da análise de conteúdo e da teoria das representações sociais. São entrevistados todos os membros do conselho municipal de alimentação escolar (n=14. As falas são agrupadas em categorias, sendo as mais citadas: higiene (n=12, qualidade nutricional (n=8, aceitabilidade (n=4 e acesso regular (n=3. As categorias sustentabilidade e direito à alimentação não são citadas. A configuração do conselho sugere pouca representatividade. Os resultados indicam a necessidade de qualificação dos conselhos no sentido da construção de uma participação social comprometida e de uma compreensão ampliada sobre segurança alimentar e nutricional, de forma a contribuir para o exercício de um controle social efetivo e sintonizado com a política de alimentação escolar.This study aimed to investigate the representations on food security of the members of a School Feeding Board in a city located in the western region of the State of

  14. Association between food consumption in the first months of life and socioeconomic status: a longitudinal study Associação entre consumo alimentar nos primeiros meses de vida e condições socioeconômicas: um estudo longitudinal

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Edson Theodoro dos Santos Neto

    2009-10-01

    Vitória (ES. Realizaram-se sete visitas domiciliares, coletando-se dados sobre as características maternas, o padrão de dieta adotado pelas mães e os hábitos de sucção da criança. Os testes de Qui-quadrado foram aplicados e análises de regressão logística foram realizadas para mensurar as associações. RESULTADOS: Aproximadamente 50% iniciaram alimentação complementar por mamadeira até os três meses de vida, enquanto a alimentação complementar semi-sólida até os seis meses de vida ocorreu em 75% das crianças. Os modelos de regressão logística mostraram que a ausência de participação paterna na renda familiar configura-se como risco para o consumo de feijão (OR=3,9: IC 95%= 1,2-12,6. A renda maior ou igual a dois salários mínimos torna-se potencialmente fator de proteção para o consumo de frutas (OR=0,4: IC 95% 0,14-1,15. CONCLUSÃO: Os percentuais de consumo alimentar revelaram a predominância de um padrão inadequado à faixa etária de menores de dois anos. O grau de instrução da mãe e a participação direta do pai na renda da família parecem influenciar nas escolhas de alguns alimentos, como frutas e feijão. Entretanto, não explicam completamente as práticas alimentares infantis nos primeiros meses de vida, sinalizando que outras questões mais complexas podem estar envolvidas.

  15. Transferência condicionada de renda e segurança alimentar e nutricional Conditional cash transfer programs and food and nutrition security

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luciene Burlandy

    2007-12-01

    Full Text Available Este artigo analisa as interações entre programas de transferência condicionada de renda (TCR e a segurança alimentar e nutricional (SAN, a partir de uma revisão da literatura. Considera que a TCR impacta os gastos com alimentação, especialmente quando há dinamismo de mercado e os investimentos com outros bens que afetam o bem- estar nutricional das famílias, incluindo a demanda por educação e cuidados com a saúde. No entanto, o impacto no estado nutricional, especialmente no crescimento infantil, não é inequívoco, pois depende de outras ações que afetam este processo, tais como a disponibilidade de serviços de saúde; educação; saneamento; os custos das famílias para acessá-los; o tempo de implementação dos programas; o valor transferido; o tamanho das famílias, além das regras intrafamiliares de alocação de recursos. De igual modo, cabe analisar o processo de implementação dos programas uma vez que podem afetar (positiva ou negativamente os valores, relações e práticas sociais que contribuem para a conformação da pobreza e da SAN. A integração da TCR com outros programas é essencial para garantir seu impacto na SAN e o atual Conselho Nacional de Segurança Alimentar e Nutricional constitui espaço estratégico para o planejamento integrado de políticas neste campo.This paper analyses the relationship between Conditional Cash Transfer (CCT programs and Food and Nutrition Security (FNS, based on a review of the literature. CCT programs spur outlays on food, particularly in dynamic markets, as well as investments in other goods affecting the nutritional wellbeing of families, including demands for healthcare and education. However, the impact on children's nutritional status and early childhood growth is not clear, as other factors also affect this process, such as: the availability of public services (healthcare; education; sanitation and the costs of accessing them; duration of the programs; transfer

  16. Períodos de condicionamento alimentar de juvenis de pirarucu na transição da alimentação de ração úmida para seca

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rosália Furtado Cutrim Souza

    2015-07-01

    Full Text Available Resumo: O objetivo deste trabalho foi avaliar o efeito de períodos de condicionamento alimentar sobre o desempenho produtivo e a sobrevivência de juvenis de pirarucu (Arapaima gigas, durante a transição da alimentação com massa de peixe moída para dieta formulada seca. Animais com 15,8±1,2 g foram avaliados com substituições graduais da dieta a cada 2, 3, 4 e 5 dias. Após 12 dias de condicionamento alimentar, as substituições a cada dois e três dias proporcionaram as maiores taxas de crescimento específico. Recomenda-se a substituição da dieta à base de peixe moído por dieta formulada seca a cada dois ou três dias.

  17. Identificação de itens alimentares constituintes da dieta dos peixes-boi marinhos (Trichechus manatus na região Nordeste do Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    João Carlos Gomes Borges

    2008-01-01

    Full Text Available http://dx.doi.org/10.5007/2175-7925.2008v21n2p77 Os peixes-boi marinhos são considerados herbívoros oportunistas, consumindo uma grande variedade de itens alimentares. Objetivou-se com este trabalho identificar os itens alimentares constituintes da dieta dos peixe-boi marinhos em vida livre, na região Nordeste do Brasil. Para tanto  foram coletadas amostras de conteúdo estomacal, provenientes de seis carcaças de peixes-boi marinhos, além de amostras fecais de 11 animais nativos e cinco espécimes reintroduzidos. O material foi identificado ao nível de gênero e/ou espécie, através de aspectos morfo-anatômicos, sendo identificadas 21 espécies entre macroalgas, fanerógamas e cnidários. Através destas análi ses, foi possível observar que os peixes-boi marinhos alimentaram-se de uma grande diversidade de plantas aquáticas, com predominância das algas vermelhas.

  18. Transferência de renda e segurança alimentar no Brasil: análise dos dados nacionais Cash transference and food insecurity in Brazil: analysis of national data

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ana Maria Segall-Corrêa

    2008-08-01

    Full Text Available OBJETIVO: O objetivo deste trabalho foi analisar, na Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios 2004, a hipótese de que a participação em programas governamentais de Transferência de Renda está associada à situação de segurança alimentar no domicílio. MÉTODOS: Utilizaram-se dados secundários da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios com entrevistas em 112.716 domicílios. Incluíram-se neste trabalho os domicílios particulares permanentes e improvisados, em que as informações sobre segurança alimentar foram fornecidas por um morador, limitando-se ainda àqueles com rendimento domiciliar per capita de até um salário-mínimo, representando isto 51,2% dos domicílios da amostra. Foram elaborados três modelos de estimativas de transferência de renda com resultados semelhantes; escolheu-se o Modelo 3 por resultar em menor probabilidade de superestimar efeitos. Para estimar o efeito da transferência de renda na prevalência de segurança alimentar, foram incluídos apenas os domicílios que recebiam transferência de renda correspondendo a 14,2% do total de domicílios entrevistados. A associação entre segurança alimentar e transferência de renda, controlando por outras variáveis independentes, foi estimada mediante modelos de regressão logística, método stepwise, para cada uma das três faixas de rendimento domiciliar per capita. RESULTADOS: Os programas de transferência de renda considerados neste estudo apresentaram um valor médio de benefícios de R$81,68 por domicílio. A regressão logística múltipla mostrou aumento em torno de 8,0% na chance de segurança alimentar, para cada 10 reais de acréscimo nos valores das transferências. As condições de: residência em área rural, pessoa de referência do sexo masculino e de raça/cor branca também apresentaram associação positiva com segurança alimentar. CONCLUSÃO: Os resultados confirmam a hipótese do estudo, indicando associação positiva da

  19. Influência do nível socioeconômico sobre comportamentos de risco para transtornos alimentares em adolescentes Socioeconomic influence on eating disorders risk behaviors in adolescents

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Karin Louise Lenz Dunker

    2009-01-01

    Full Text Available OBJETIVO: Investigar comportamentos de risco para transtornos alimentares (TA em adolescentes de diferentes níveis socioeconômicos. MÉTODO: 183 adolescentes do sexo feminino de 15 a 18 anos de duas escolas (pública e particular foram avaliadas quanto à renda e escolaridade dos pais, estado nutricional, comportamentos de risco para TA (Teste de Atitudes Alimentares - EAT-26, atitudes socioculturais quanto à aparência (Escala das Atitudes Socioculturais Voltadas para Aparência - SATAQ-3, percepção corporal (escala de silhuetas e uso de dietas. RESULTADOS: A média do escore do EAT-26, assim como a porcentagem de adolescentes consideradas de risco foram semelhantes entre as escolas (p >0,05. No escore do SATAQ-3, verificou-se na escola particular um valor maior que da pública (p0,05, e as que apresentaram sobrepeso/obesidade tiveram escores maiores no EAT-26. Metade das adolescentes das escolas já fez dieta, sendo que a frequência do uso de dietas esteve associada com o maior escore do EAT-26. CONCLUSÕES: Comportamentos de risco foram encontrados em grande parte da população estudada, mas esses não estiveram associados com o nível socioeconômico.OBJECTIVE: To investigate eating disorders (ED risk behaviors at adolescents from different socioeconomic status. METHOD: 183 girls 15-18 years old from two schools (public and private were evaluated about parent's education and income, nutritional status, ED risk behavior (Eating Attitudes Test - EAT-26, sociocultural attitudes toward appearance (SATAQ-3, corporal perception (silhouettes scale and dieting. RESULTS: Mean score of EAT-26, as well as percentage of risky girls were similar at both schools (p >0.05. At SATAQ-3 score, it was noticed a higher value at private school compared to public one (p0.05, and girls who were overweight/obese had a higher score at EAT-26. Half of the girls from both schools have already diet, and dieting frequency was associated with a higher score at EAT

  20. Estudo sobre a ocorrência de surtos alimentares em uma região do Vale do Jequitinhonha, Minas Gerais | Study on the occurrence of food outbreaks in a region of the Jequitinhonha Valley, Minas Gerais

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Júnia Mariana Rodrigues dos Santos

    2017-08-01

    Full Text Available Introdução: A ocorrência de Doenças de Transmissão Hídrica e Alimentar é uma preocupação mundial na Saúde Pública. Objetivo: O objetivo deste trabalho foi caracterizar a ocorrência dos surtos alimentares em uma região do Vale do Jequitinhonha em Minas Gerais, entre os anos de 2008 a 2014, antes e após a intervenção do PET-Saúde/Vigilância em Saúde. Método: Os dados foram retirados de relatórios impressos e de fichas de notificações disponíveis nos sistemas de informação. Resultados: Foram investigados 76 surtos, destes, apenas 34,1% notificados oportunamente. As ações realizadas pela equipe PET-Saúde/Vigilância em Saúde entre 2010 e 2012 impactaram, positivamente, no aumento do número de notificações de surtos alimentares. A maioria destes surtos ocorreu em residências (47,4%, atingiu indivíduos adultos (30,4% e apresentou como manifestações clínicas: diarreia (29,5%, vômitos (23,5% e dores abdominais (16,3%. Na análise das notificações, 81,6% não apresentavam o fator causal e apenas 31,0% informaram o agente etiológico. Conclusões: A intervenção do PET-Saúde/Vigilância em Saúde representou um fator importante no fortalecimento da vigilância de surtos alimentares na região do Vale do Jequitinhonha estudada, contudo persistem dificuldades relacionadas a notificação tardia, a presença de falhas e de lacunas no registro dos dados e o baixo número de coletas clínicas e bromatológicas. ======================================== Introduction: The occurrence of water and food transmission diseases is a worldwide concern in Public Health. Objective: The objective of this study was to characterize the occurrence of food outbreaks in a region of the Jequitinhonha Valley in the State of Minas Gerais between 2008 and 2014, before and after the intervention of the PET-Health/Surveillance in Health. Method: Data were taken from printed reports and information sheets available in information systems

  1. MARKETING, HÁBITOS ALIMENTARES E ESTADO NUTRICIONAL: ASPECTOS POLÊMICOS QUANDO O TEMA É O CONSUMIDOR INFANTIL

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    G. M. R. FIATES

    2008-12-01

    Full Text Available

    O comportamento da criança como consumidora vem sendo estudado desde a década de 1970. De lá para cá, o poder econômico e a influência das crianças sobre as decisões familiares aumentou consideravelmente, ao mesmo tempo em que houve o desenvolvimento de um amplo e massivo espectro de estratégias direcionadas especificamente ao consumidor infantil. O aumento na obesidade infantil tem atraído atenção para o papel da mídia: estima-se que crianças e adolescentes gastem em média 5- 6 horas por dia assistindo televisão, e o número de comerciais veiculados aumentou de 11 para 40 por hora nas últimas duas décadas. No Brasil, alimentos são os produtos mais freqüentemente anunciados, sendo que quase 60% deles pertencem ao grupo representado por gorduras, óleos, açúcares e doces na pirâmide alimentar. De um modo geral, crianças e adolescentes não têm maturidade suficiente para controlar suas decisões de compra; apesar da regulamentação envolvendo o marketing de alimentos para crianças estar evoluindo rapidamente, são poucos os modelos que podem gerar o desenvolvimento de estratégias futuras eficazes. Ainda existe muito a ser aprendido sobre o processo de socialização do consumidor. O campo está aberto para pesquisas que analisem aspectos culturais e tecnológicos, avaliando os conceitos atuais e suscitando novas questões.

  2. Sistema de Suplementação Alimentar para Bovinos de Corte em Pastejo: Validação

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Lana Rogério de Paula

    2002-01-01

    Full Text Available Objetivou-se com este trabalho a validação do programa de computador do Sistema Viçosa de Formulação de Rações, bem como testar o NRC 1996 de gado de corte, incluindo os níveis 1 (Sistema NRC e 2 (Sistema Cornell, para bovinos de corte em pastejo. Os dados de ganho de peso preditos pelos programas, em função do peso corporal, dos grupos genéticos e da composição e do consumo de suplementos, durante o período da seca, foram comparados com os dados observados. O Sistema NRC, níveis 1 e 2, subestimou o consumo de matéria seca em 12 e 13% e o ganho de peso, em 55 e 86%, respectivamente, de 35 novilhos suplementados em pastagens durante o período da seca. Já o Sistema Viçosa, com menor margem de erro, superestimou o consumo em 5% e subestimou o ganho em 11%. Em um segundo ensaio de validação com um banco de dados de 25 experimentos, 74 tratamentos e 1230 animais, o Sistema Viçosa superestimou o ganho de peso, em função do consumo de energia (NDT, em 44%. Apesar disto, o programa é adequado para ser utilizado nas formulações de suplementos alimentares para bovinos em crescimento em pastagens tropicais, uma vez que o consumo de alimentos e, conseqüentemente, o ganho de peso são altamente variáveis, devido à variação na disponibilidade e composição das pastagens, diversidades climáticas e genéticas dos animais.

  3. Ingestive behavior of Guzerat and Sindhi heifers under the effects of feed restriction=Comportamento ingestivo de novilhas Guzerá e Sindi sob efeito de restrição alimentar

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Gherman Garcia Leal de Araujo

    2012-07-01

    Full Text Available This study aimed to evaluate the effect of feed restriction on the ingestive behavior of Guzerat and Sindhi heifers. A total of 36 heifers were used, 18 from each breed, randomly distributed in a completely randomized design, in a 2 x 3 factorial scheme. The treatments used were 20 and 40% restriction compared to intake by animals from the third group, which were fed ad libitum (without restriction. For the behavioral analysis, the scan sampling method was used by logging and recording times in five-minute intervals during 24 hours, thus estimating the time spent feeding, ruminating and idling. With regard to the imposed restrictions, it was observed that non-restricted animals showed greater feeding time and lower resting time (p Objetivou-se com este estudo avaliar o efeito da restrição alimentar sobre o comportamento ingestivo de novilhas da raça Guzerá e Sindi. Foram utilizadas 36 novilhas, sendo 18 de cada uma das raças, distribuídos aleatoriamente em um delineamento inteiramente casualizado, em arranjo fatorial 2 x 3. Os tratamentos utilizados foram de 20 e 40% de restrição em relação ao consumido pelos animais do terceiro grupo que se alimentavam à vontade (sem restrição. Para a análise comportamental utilizou-se o método de amostragem scan com registro temporal em intervalos de cinco minutos durante 24 horas contínuas, estimando-se assim o tempo despendido em alimentação, ruminação e ócio. Em relação às restrições impostas, notou-se que animais que não passaram por restrição alimentar apresentaram maior tempo de alimentação e menor tempo em ócio (p < 0,05, observando-se a mesma eficiência alimentar para novilhas das duas raças em confinamento. Os genótipos estudados quando submetidos até um nível de 40% de restrição alimentar se comportam de maneira igual quanto ao comportamento ingestivo, eficiência alimentar e mastigação merícica. Contudo houve efeito dos níveis de restrição que são altera

  4. Situação nutricional e alimentar de pré-escolares no semi-árido da Bahia (Brasil: II ­ Hipovitaminose A

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Santos Leonor M.P.

    1996-01-01

    Full Text Available Foram estudados 754 pré-escolares de áreas urbanas de sete municípios do semi-árido do Estado Bahia, Brasil, com o objetivo de determinar a prevalência da hipovitaminose A e sua associação com a idade, sexo, renda em salário-mínimo, escolaridade materna e adequação dietética em vitamina A. Na amostra estudada não se registrou nenhum caso de sinais e/ou sintomas de xeroftalmia durante o exame clínico-oftalmológico. Em 563 crianças foi possível a coleta de sangue para determinação de retinol sérico; encontrou-se um valor médio de 20,3 µg/dl (DP=10,8µg/dl e uma prevalência de 15,3% de níveis deficientes (abaixo de 10,0 µg/dl. Em todos os sete municípios estudados a prevalência de retinol sérico deficiente foi superior a 5,0% que é nível crítico proposto pela OMS para considerar a hipovitaminose A como problema de saúde pública. A distribuição de retinol sérico encontrada não teve relação com o sexo das crianças, mas com a idade, diminuindo a prevalência de níveis deficientes e baixos na medida em que a idade aumenta. Não se encontrou associação entre renda familiar per capita ou escolaridade materna e a prevalência de níveis de retinol deficiente. Os resultados de consumo alimentar provenientes do inquérito recordatório de 24h mostraram que apenas 8% das crianças consumiram quantidades adequadas de retinol ou de seus precursores; 66% ingeriam abaixo da metade e quase 35% delas não chegaram a ingerir nem um quarto da quantidade recomendada para sua faixa etária. A carência de vitamina A deve ser considerada como problema de saúde pública severo, tanto pela alta prevalência de níveis deficientes de retinol em todos os municípios como também pela dimensão da inadequação dietética.

  5. PRÁTICAS DE PRODUÇÃO NA INDÚSTRIA ALIMENTAR PORTUGUESA Manufacturing Practices in the Portuguese Food Industry

    OpenAIRE

    Oliveira, Maria Adelaide Mota de; Silva, Graça Miranda

    2017-01-01

    A qualidade é um dos fatores críticos na indústria alimentar (IA), resultante da legislação, das exigências dos consumidores e da concorrência e, também o critério mais importante para conseguir a lealdade dos consumidores (Dora, Kumar, Van Goubergen, Molnar & Gellynck, 2013). Alguns estudos empíricos na IA evidenciam melhorias da qualidade e da eficiência decorrentes da implementação de práticas lean (e.g., Scott, Wilcock & Kanetkar, 2009; Van Goubergen, Dora, Molnar & Gellynck, 2011).O pres...

  6. Avaliação da preferência alimentar em modelo de poliartrite induzida por colágeno

    OpenAIRE

    Eduarda Correa Freitas

    2014-01-01

    Introdução: Artrite reumatoide é uma doença inflamatória crônica associada a alterações no metabolismo proteico e energético. Objetivos: Investigar a preferência alimentar durante o desenvolvimento da inflamação crônica em ratas com artrite induzida por colágeno. Métodos: Ratas Wistar fêmeas foram alocadas em dois grupos: controle (CO, n=10) e artrite induzida por colágeno (CIA; n=11) e expostas simultaneamente a quatro diferentes dietas (padrão, hipercalórica, hiperlipidica e hiperproteica)....

  7. Método simplex supermodificado como estratégia de otimização para respostas combinadas em sistemas alimentares The use of super-modified simplex as an optimisation strategy for combined responses in food systems

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rosângela Aguilar da SILVA

    2000-12-01

    Full Text Available O presente trabalho teve como objetivo combinar modelagem pela superfície de resposta com otimização simplex supermodificado, para tratamento de casos de interesse na ciência e tecnologia de alimentos, com o emprego da função de Derringer & Suich para respostas combinadas. Um programa para microinformática, denominado MULTIPLEX, foi desenvolvido e testado na otimização multirresposta de três sistemas alimentares selecionados na literatura especializada: 1 inativação da lipoxigenase e lipase preservando-se a atividade da fitase durante o processamento hidrotérmico da cevada; 2 desidratação instantânea de maçã por expansão; 3 extração da proteína da linhaça com hexametafosfato. Uma análise estatística rigorosa foi realizada para testar a capacidade preditiva dos modelos. O método simplex supermodificado, com inicialização automática, foi o instrumento para a solução numérica da função de Derringer & Suich para respostas combinadas. O programa desenvolvido mostrou ser eficiente e confiável para a otimização de multirrespostas, sendo executável em microcomputador que disponha de processador 486 e ambiente MS-DOS.The objective of this work was to combine response surface methodology (RSM with super-modified simplex optimisation for treatment of cases that are interesting for food science and technology through the application of the function of Derringer & Suich for combined responses. A microcomputer program called MULTIPLEX was developed and tested in the multiresponse optimisation of three food systems selected in specialised literature: 1 inactivated lipoxygenase and lipase and preserve phytase activity in barley during soaking; 2 vapor induced puffing in apple dehydration; 3 hexametaphosphate-assisted extraction of flaxseed protein. A rigorous statistics analysis was accomplished in order to test the predictive ability of the models. The super-modified simplex method with automatic initialisation was the

  8. Consumo alimentar e padrão de refeições de adolescentes, São Paulo, Brasil Food intake and meal patterns of adolescents, São Paulo, Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Greisse Viero da Silva Leal

    2010-09-01

    Full Text Available OBJETIVO: Avaliar o consumo alimentar e o padrão de refeições de adolescentes, São Paulo, Brasil. MÉTODOS: Por meio do Recordatório de 24 horas, avaliou-se o consumo energético total, de macronutrientes, cálcio, ferro e vitamina A e a omissão de refeições ou sua substituição por lanche, de adolescentes de uma escola pública de Ilhabela. Comparou-se o consumo alimentar por grupo com a Pirâmide Alimentar do adolescente. Foi realizada análise descritiva, aplicou-se o teste Qui-quadrado (p OBJECTIVE: To assess food intake and meal patterns in adolescents, a cross-sectional study was conducted with 228 adolescents from a public school, SP, Brazil. METHODS: Total energy, macronutrients, calcium, iron, and vitamin A intakes were evaluated. The food pattern was compared with the eating patterns established by the Food Pyramid for adolescents. Meal frequency was assessed to identify meal skipping. Descriptive statistics and Chi Square were used. RESULTS: Mean energy intake was lower than estimated for 66% adolescents, carbohydrate intake was lower than estimated for 50% adolescents, fat intake was higher than estimated for 50% of adolescents, and protein intake was above the recommendation for 40% of adolescents. Among adolescents studied, 21% skipped breakfast and one third of them had snacks instead of lunch or dinner. CONCLUSION: The diet of adolescents had insufficient energy intake and deficient intake of fruits and vegetables. Meal patterns were satisfactory, but breakfast should be encouraged.

  9. Escherichia coli O157:H7- patógeno alimentar emergente / Escherichia coli O157:H7 - emerging food pathogen

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cheila Minéia Daniel de Paula

    2014-11-01

    Full Text Available Segundo a Organização Mundial da Saúde, cerca de 2,2 milhões de pessoas morrem anualmente em função de doenças hídricas ou alimentares, a maioria dos quais são crianças. Estas doenças são causadas por patógenos já conhecidos, emergentes ou reemergentes, principalmente bactérias. A globalização tem contribuído na disseminação de patógenos de origem alimentar, aumentando o desafio relacionado à identificação da origem desses agentes e à elaboração de regulamentação e fiscalização adequadas. O cenário das Doenças Transmitidas por Alimentos (DTA muda constantemente e a prevalência de determinada doença varia de época para época, assim como os agentes etiológicos destas. Dentre os principais patógenos emergentes em nível mundial, E. coli O157:H7 tem ganhado grande destaque nos últimos 20 anos, devido à severidade de seus surtos. Até pouco tempo, o Brasil era considerado livre desse patógeno, porém a bibliografia científica e registros epidemiológicos demonstram o contrário. Em vista disso, o presente artigo objetiva realizar uma revisão integrativa da literatura, enfocando as características, os métodos de isolamento e detecção e os dados epidemiológicos da E. coli O157:H7 no Brasil e no mundo. =============================================== According to the World Health Organization, about 2.2 million people, most of whom are children, die each year due to water and foodborne illnesses. These illnesses are caused by known, emerging, or reemerging pathogens, mainly bacteria. Globalization has contributed to the spread of foodborne pathogens, increasing the challenge of identifying the origin of these agents and of developing appropriate regulation and monitoring. The scenario of Foodborne Illnesses (FI constantly changes and the prevalence of a particular illnesses as well as its etiological agents, vary from season to season. Among the major emerging pathogens at a global level, E. coli O157:H7

  10. Consumo alimentar entre crianças brasileiras com idade de 6 a 59 meses Food consumption Brazilian children by 6 to 59 months of age

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Gisele Ane Bortolini

    2012-09-01

    Full Text Available O objetivo foi avaliar o consumo alimentar em crianças brasileiras de 6-59 meses de idade, por região e zona de residência. Trata-se de estudo descritivo transversal com 4.322 crianças investigadas na Pesquisa Nacional de Demografia e Saúde (2006/2007. Observou-se baixo consumo diário de verduras (12,7%, legumes (21,8%, carnes (24,6% e elevado consumo de refrigerantes (40,5%, alimentos fritos (39,4%, salgadinhos (39,4%, doces (37,8%, na frequência de uma a três vezes na semana. Comparando-se as regiões, as crianças residentes no Sul, Sudeste e Centro-oeste consumiram com mais frequência arroz, pão, batata, feijão, verdura de folha, legumes e carne, mas também consumiram, mais frequentemente, alimentos não recomendados para a idade, como doces e refrigerantes. Crianças da zona rural apresentaram menor consumo dos alimentos recomendados para a idade e, também, dos não recomendados, quando comparadas às crianças da zona urbana. O consumo alimentar evidenciado neste estudo não está de acordo com recomendações de alimentação saudável para crianças.The aim of this study was to assess food consumption in Brazilian children 6 to 59 months of age by region of the country and area of residence. This was a descriptive cross-sectional study of 4,322 children in the National Demographic and Health Survey (2006-2007. The data showed low daily consumption of leafy vegetables (12.7%, vegetables (21.8%, and meat (24.6% and high consumption (1-3 times a week of soft drinks (40.5%, fried foods (39.4%, salty snacks (39.4%, and sweets (37.8%. Comparing the regions of Brazil, children in the South, Southeast, and Central-West consumed more rice, bread, potatoes, beans, greens, vegetables, and meat, but they also ate more foods not recommended for their age, like sweets and soft drinks (soda. Rural children showed lower consumption of foods recommended for their age and also those not recommended for their age, as compared to their urban

  11. Ecologia alimentar de Hermodice carunculata (Pallas, 1776) (Polychaeta-Amphinomidae) em bancos de Carijoa riisei (Duchassaing & Michelotti, 1860) (Anthozoa-Clavuralidae)

    OpenAIRE

    Andrade Rodrigues, Hilquias

    2007-01-01

    Hermodice carunculata é considerado um importante predador de cnidários, alimentando-se de zooantideos, anêmonas, gorgônias, hidrocorais e corais escleractíneos. A predação é um importante agente estruturador das comunidades, podendo diminuir ou aumentar a diversidade. O objetivo desse trabalho foi identificar a dieta de H. carunculata nos bancos de Carijoa riisei na praia de Proto de Galinhas-PE e descrever o comportamento alimentar e estratégias de predação de H. carunculata. Foram coletado...

  12. Avaliação da estabilidade de xaropes contendo aminas aromáticas

    OpenAIRE

    Beatriz Resende Freitas

    2002-01-01

    Atualmente a grande malona dos fármacos apresenta grupamento amínico. Estes quando associados à açúcares redutores ou a outros adjuvantes farmacêuticos contendo carbonila, freqüentemente produzem manchas de escurecimento ou descoloração, a Reação de Maillard pode explicar tal ocorrência. Além de poder comprometer a idoneidade do produto. O presente trabalho tem como objetivo estudar o comportamento de xaropes contendo aminas aromáticas, tendo em vista que a associação entre açúcares e aminas ...

  13. Escalas de percepção da insegurança alimentar validadas: a experiência dos países da América Latina e Caribe

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Naiara Sperandio

    Full Text Available Resumo Objetivou-se nesta revisão sistemática comparar as escalas de insegurança alimentar validadas e utilizadas nos países latino-americanos e caribenhos, e analisar os métodos empregados nos estudos de validação. Realizou-se busca nas bases eletrônicas Lilacs, SciELO e Medline. As publicações foram pré-selecionas pelos títulos e resumos, e posteriormente pela leitura integral. Dos 16.325 estudos revisados, selecionou-se 14. Foram identificadas 12 escalas validadas para os seguintes países: Venezuela, Brasil, Colômbia, Bolívia, Equador, Costa Rica, México, Haiti, República Dominicana, Argentina e Guatemala. Além dessas, tem-se a escala latino-americana e caribenha cuja abrangência é regional. As escalas variaram em relação ao padrão de referência utilizado, número de questões e diagnóstico da insegurança. Os métodos empregados pelos estudos para validação interna foi o cálculo do coeficiente alfa de Cronbach e o modelo Rasch; para validação externa os autores calcularam associação e/ou correlação com variáveis socioeconômicas e de consumo alimentar. A exitosa experiência da América Latina e Caribe no desenvolvimento de escalas nacionais e regionais pode ser exemplo para outros países que ainda não possuem esse importante indicador capaz de dimensionar o fenômeno da insegurança alimentar.

  14. Anxiety and depression symptoms in women with and without binge eating disorder enrolled in weight loss programs Sintomas de ansiedade e depressão em mulheres com e sem compulsão alimentar participantes de programas de redução de peso

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Simone Armentano Bittencourt

    2012-01-01

    Full Text Available OBJECTIVES: 1 To investigate the association between binge eating scores, anxiety and depression symptoms, and body mass index (BMI, and 2 to assess the presence of differences in severity of anxiety symptoms, severity of depression symptoms, and BMI in women with and without binge eating disorder. METHOD: The sample comprised 113 women aged between 22 and 60 years (39.35±10.85 enrolled in weight loss programs in Porto Alegre, southern Brazil. The following instruments were used: structured interview, Brazilian Economic Classification Criteria, Beck Anxiety Inventory, Beck Depression Inventory, and Binge Eating Scale. Data were analyzed using descriptive and inferential statistics. RESULTS: A positive association was found between binge eating scores and the severity of anxiety symptoms (p OBJETIVOS: 1 Investigar a associação entre escores de compulsão alimentar, sintomas de ansiedade e de depressão e índice de massa corporal (IMC; e 2 verificar se existe diferença na intensidade dos sintomas de ansiedade, dos sintomas depressivos e no IMC em mulheres com e sem compulsão alimentar. MÉTODO: A amostra foi composta de 113 mulheres com idade entre 22 e 60 anos (39,35±10,85, participantes de programas de redução de peso na cidade de Porto Alegre, sul do Brasil. Foram aplicados os seguintes instrumentos: entrevista estruturada, Critérios de Classificação Econômica Brasil, Inventário de Ansiedade de Beck, Inventário de Depressão de Beck e Escala de Compulsão Alimentar Periódica. Os dados foram analisados utilizando-se estatística descritiva e inferencial. RESULTADOS: Houve associação positiva entre os escores de compulsão alimentar e a intensidade dos sintomas de ansiedade (p < 0,001 e de depressão (p < 0,001. Não foi observada associação significativa (p = 0,341 entre IMC e escores de compulsão alimentar. Houve diferença significativa entre mulheres com e sem compulsão alimentar com relação à intensidade dos sintomas

  15. Política de segurança alimentar e nutricional no Brasil: uma análise da alocação de recursos Food and nutrition security policy in Brazil: an analysis of resource allocation

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marta Battaglia Custódio

    2013-02-01

    Full Text Available OBJETIVO: Descrever a evolução e a distribuição dos recursos da União para programas e ações que se inserem nas diretrizes brasileiras da Política Nacional de Segurança Alimentar e Nutricional (PNSAN no período de 2004 a 2010. MÉTODOS: Este estudo descritivo utilizou dados do Portal da Transparência mantido pela Controladoria Geral da União, que gera planilhas de Excel para cada pesquisa realizada. Para o levantamento dos recursos alocados, foi organizada uma base de dados contendo todas as ações executadas pelo governo federal entre 2004 e 2010. Essa base foi revisada e as ações que não eram relativas à PNSAN foram descartadas. Os montantes anuais obtidos tiveram os valores corrigidos pelo Índice de Preços ao Consumidor e atualizados para o ano de 2010. Como as ações são parte de programas específicos, a soma dos recursos destinados a todas as ações de um programa equivaleu aos recursos destinados ao programa como um todo. Os programas foram então hierarquizados de acordo com o volume de recursos recebidos em 2010. RESULTADOS: Das 5 014 ações que receberam recursos da União no período, 814 foram relacionadas à PNSAN (229 programas. Houve crescimento dos recursos alocados para os programas da PNSAN, alcançando, em 2010, US$ 15 bilhões (82% superior ao gasto no ano de 2004. A maior proporção dos recursos foi absorvida pelo Programa Bolsa Família. Dez programas receberam 90% dos recursos, sendo cinco ligados aos processos de produção alimentar. CONCLUSÕES: A PNSAN vem recebendo aporte crescente de recursos concentrados em ações e programas que favorecem a segurança alimentar e nutricional.OBJECTIVE: To describe the progression and distribution of federal funds for programs and activities that fall within the scope of the guidelines of the Brazilian National Policy on Food and Nutrition Security (PNSAN in the period from 2004 to 2010. METHODS: This descriptive study used data from the Transparency Website

  16. Padrões alimentares de mulheres adultas residentes em área urbana no sul do Brasil Dietary patterns of adult women living in an urban area of Southern Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ana Luisa Sant'Anna Alves

    2006-10-01

    Full Text Available OBJETIVO: Explorar a existência de padrões alimentares em mulheres adultas e fornecer dados para validação do instrumento utilizado. MÉTODOS: Estudo transversal de base populacional com amostra representativa de 1.026 mulheres adultas (20 a 60 anos de idade, residentes na região do Vale do Rio dos Sinos, Rio Grande do Sul, 2003. O instrumento utilizado para explorar os padrões alimentares foi o Questionário de Freqüência Alimentar, constituído de 70 itens. Para a identificação dos padrões alimentares utilizou-se a análise fatorial de componentes principais. RESULTADOS: O índice de confiança da análise fatorial foi verificado por meio do determinante da matriz de correlação (6,28-4, da medida de adequação amostral (Kaiser-Meyer-Olkin=0,823 e do teste de esfericidade de Bartlett (chi²(1225=7406,39; pOBJECTIVE: To explore the dietary patterns of adult women and to provide information for validating the instrument used. METHODS: A population-based cross-sectional study was carried out in a representative sampling of 1,026 women aged 20 to 60 years living in Southeastern Brazil, in 2003. A 70-item food frequency questionnaire was used to measure food intake. Dietary patterns were identified using principal component analysis. RESULTS: The reliability of factor analysis was assessed through the Kaiser-Meyer-Olkin statistic, that was equal to 0.823, the Bartlett test of sphericity, which reached statistical significance (chi²(1225=7406.39; p<0.001, and the determinant of the correlation matrix (6,28-4. Five dietary patterns were identified, each one consisting of 10 items (foods, which were grouped as healthy food pattern cost 1, healthy food pattern cost 2, healthy food pattern cost 3, risk food pattern cost 1 and risk food pattern cost 3. CONCLUSIONS: There were identified five dietary patterns among adult women. There was a clear difference in terms of the cost of these patterns. These findings suggest that cost may be one of

  17. Efeito da atividade física associada à orientação alimentar em adolescentes obesos: comparação entre o exercício aeróbio e anaeróbio Efecto de la actividad física asociada a la orientación alimentar en adolescentes obesos: comparación entre el ejercicio aeróbico y anaeróbico Effect of physical activity associated with nutritional orientation for obese adolescents: comparison between aerobic and anaerobic exercise

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Renata Viccari Sabia

    2004-10-01

    Full Text Available A obesidade na adolescência é uma doença universal de prevalência mundial crescente, assumindo caráter epidemiológico como problema de saúde pública na sociedade moderna. Este trabalho teve como objetivo comparar o efeito do exercício físico aeróbio contínuo e anaeróbio intermitente associado à orientação alimentar sobre a composição corporal, as medidas bioquímicas e a capacidade física de adolescentes obesos. Foram investigados 28 adolescentes (média de idade = 13 anos, com índice de massa corporal (IMC acima do percentil 95 para a idade e sexo, distribuídos em dois grupos de forma aleatória: exercício de caminhada contínua (GEC; n = 13 e exercício de corrida intermitente (GEI; n = 15 e submetidos a um programa de treinamento físico três vezes por semana durante 16 semanas por 20 a 40 minutos. A atividade de orientação nutricional ocorreu uma vez por semana, em grupo, por 60 minutos, durante todo o experimento. Foram realizadas, no período inicial e final, medidas de peso e altura, pregas subcutâneas, circunferências do braço (CB e muscular do braço (CMB, composição corporal por bioimpedância elétrica, análises bioquímicas séricas (glicemia e lipídios e determinação direta de consumo máximo de oxigênio (VO2max e limiar anaeróbio (LAn. Como resultados antropométricos, observamos diminuição do IMC e das pregas cutâneas com diferença significativa nos dois grupos (GEC e GEI. Na avaliação bioquímica, houve diminuição significativa nos níveis séricos de HDL e LDL, colesterol total, e aumento do triglicérides e glicemia no GEC, embora mantendo-se dentro dos valores de normalidade. No GEI, o HDL e triglicérides tiveram diminuição significativa. O VO2max aumentou estatisticamente nos dois grupos. Concluímos que a atividade física proposta e a orientação alimentar, tanto para o GEC quanto para GEI, foi suficiente e satisfatória, promovendo diminuição ponderal, melhora da composi

  18. Transtornos alimentares em alunas de nutrição do Rio Grande do Sul Eating disorders in female nutrition students in Rio Grande do Sul state, Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Vanessa Ramos Kirsten

    2009-04-01

    Full Text Available OBJETIVO: Verificar sintomas de transtornos alimentares em estudantes de Nutrição do sexo feminino em relação ao estado nutricional, à prática de atividade física e ao semestre cursado. MÉTODOS: Foi utilizado o Eating Attitudes Test-26 para verificar sintomas de transtornos alimentares em estudantes do curso de Nutrição de uma faculdade particular do Rio Grande do Sul. Foram coletados dados de peso e altura para a avaliação do estado nutricional, semestre cursado, prática de atividade física e dados demográficos. RESULTADOS: A amostra foi composta por 186 alunas. As entrevistadas, em sua maioria, apresentavam entre 21 e 25 anos de idade (50,0%, cor branca (93,5%, renda inferior a 10 salários-mínimos (66,0% e eram solteiras (91,0%. Os resultados do Eating Attitudes Test-26 demonstraram que 24,7% das estudantes apresentavam sintomas de transtornos alimentares. Cerca de 85,5% das estudantes da amostra eram eutróficas, 8,5% apresentavam algum grau de desnutrição e 6,0%, sobrepeso e/ou obesidade. Não houve significância estatística na comparação entre sintomas de transtornos alimentares com o estado nutricional (p=0,32, o semestre cursado (p=0,67 e com a prática de atividade física (p=0,12. CONCLUSÃO: Foi identificada alta proporção de sintomas de transtornos alimentares, porém sem significância estatística quando comparado com o estado nutricional, à atividade física e ao semestre cursado.OBJECTIVE: The objective of this study was to check for symptoms of eating disorders in female nutrition students in relation to their nutritional status, level of physical activity and academic semester. METHODS: The Eating Attitudes Test-26 was used to check for symptoms of eating disorders in nutrition students of a private college in Rio Grande do Sul, Brazil. The following data were collected: weight, height, academic semester, level of physical activity and demographic data. RESULTS: The sample consisted of 186 female

  19. Critérios diagnósticos para os transtornos alimentares: conceitos em evolução Diagnostic criteria for eating disorders: evolving concepts

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Angélica de Medeiros Claudino

    2002-12-01

    Full Text Available O presente artigo apresenta o "estado de arte" da discussão acerca dos critérios diagnósticos atuais dos transtornos alimentares: Anorexia Nervosa (AN, Bulimia Nervosa (BN e Transtorno da Compulsão Alimentar Periódica (TCAP. Dentre os aspectos controversos da AN, destacam-se: a concepção da distorção de imagem corporal, a necessidade da presença de amenorréia para o diagnóstico e a possibilidade de manifestação de AN sem seu aspecto característico, o medo de engordar, em culturas não ocidentalizadas. Quanto à BN, discute-se especialmente a concepção de compulsão alimentar sua freqüência e duração necessárias para o diagnóstico. O artigo apresenta também os critérios sugeridos para o diagnóstico de TCAP e comenta sua difícil distinção com a BN não purgativa. As questões aqui discutidas possibilitarão o aprimoramento da nosologia da área.This article presents the "the state of art" of the discussion over the current diagnostic criteria for eating disorders: Anorexia Nervosa (AN, Bulimia Nervosa (BN and Binge-Eating Disorder (BED. Within the controversial aspects of AN, it is outlined: the conception of body image disturbance, the necessity of amenorrhea fpr the diagnosis and the possibility of AN without its characteristic aspect, the morbid fear of weight, in not Westernized cultures. For BN, it is specially discussed the conception of binge-eating and the frequency and duration of episodes necessary for the diagnosis. The article also presents the suggested criteria for BED diagnosis and comments on its difficult distinction from non-purging BN . The issues here discussed shall improve the nosology in the field.

  20. Nanotecnologia e videojogos: contestar a narrativa do Norte a partir das Epistemologias do Sul

    OpenAIRE

    Cruz, Rui Vieira

    2014-01-01

    A nanotecnologia é apresentada como uma tecnologia emergente capaz de revolucionar o mundo em que vivemos. A sua convergência com outros sectores tecnológicos como a biotecnologia e as tecnologias de informação e com sectores de aplicação, como a área da energia, produção alimentar, saúde, esfera militar, constitui-a como um campo do conhecimento multidisciplinar e de aplicação interindustrial. Questionamos assim qual o contributo dos videojogos e a forma como esta indústria retrata a nanotec...

  1. Percepção de responsáveis e recreadores sobre diferentes representações gráficas de guia alimentar para crianças de dois a três anos Perceptions of parents, guardians and recreators on different graphic representations of food guides for young children aged two to tree years

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Roseane Moreira S. Barbosa

    2008-12-01

    Full Text Available OBJETIVO: Conhecer a percepção de responsáveis e recreadores sobre diferentes representações gráficas de guia alimentar para crianças de dois a três anos de idade. MÉTODOS: Estudo qualitativo feito com seis recreadores e 12 responsáveis por crianças de dois a três anos de uma creche pública do Rio de Janeiro. Um questionário sociodemográfico foi aplicado e uma entrevista semi-estruturada, realizada. Mostraram-se cinco representações gráficas (roda, pirâmide, arco-íris, trenzinho e prato para que os participantes respondessem a perguntas sobre conhecimento dos grupos alimentares, conceito de nutrição (proporcionalidade/moderação e variedade, alimentação saudável e escolhessem a figura que melhor representasse a alimentação saudável. Procedeu-se, então, à análise de conteúdo. RESULTADOS: A maioria dos responsáveis (92% percebeu o conceito de grupos alimentares com clareza, pois reportou que os guias estavam divididos por alimentos e estes agrupados de acordo com os nutrientes. Os participantes compreenderam o conceito de proporcionalidade/moderação, porém o formato hierarquizado da pirâmide causou dificuldade de interpretação, já que apontaram os grupos no topo como os mais importantes. Os participantes salientaram a importância de incluir na dieta alimentos de todos os grupos, porém o conceito de variedade intragrupo foi compreendido por apenas dois participantes. Os entrevistados elegeram a roda como o ícone que melhor representava a alimentação saudável. CONCLUSÕES: Na elaboração de um guia alimentar, deve-se levar em consideração o entendimento dos conceitos nutricionais por parte dos indivíduos para que os objetivos propostos possam ser atingidos.OBJECTIVE: To study the perception of parents, guardians and recreators on different graphic representations of food guides for young children aged two to three years. METHODS: Qualitative research with the participation of six recreators and 12

  2. USO DE SUBPRODUCTOS DE CAÑA PANELERA COMO SUPLEMENTO ALIMENTICIO PARA GANADO BOVINO Y PARA EVITAR LA CONTAMINACIÓN AMBIENTAL

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Martínez N.

    2005-12-01

    Full Text Available El presente artículo se enmarca dentro de la caracterización del sistema de producción bovina del municipio de Utica (Cundinamarca y dentro de los problemas más importantes que lo afectan. Como resultado, el estudio identificó la escasez de alimento de buena calidad en épocas secas como la principal limitante del productor bovino del municipio. Aprovechando una ventaja presente en la zona, como es la elaboración de panela (proceso a través del cual resultan algunos subproductos, como bagazo y melote, que pueden ser utilizados como alternativa alimenticia para los bovinos en cualquier época del año, se planteó un experimento en el que se elaboraron bloques multinutricionales con base en dichos subproductos. El experimento se adelantó en una finca de un productor y se utilizaron 57 novillos cebús con edades entre los 11 y los 24 meses y pesos entre los 124 y los 463 kilogramos. Los animales se dividieron dos grupos que se mantuvieron en pasturas no manejadas. Al gru¬po experimental se le ofrecieron adicionalmente bloques multinutricionales. Los animales fueron examinados para comprobar su estado fisiológico, con el fin de determinar posibles inconvenientes sanitarios que pudieran afectar el ensayo. Se realizaron pesajes para medir las ganancias de peso en los dos grupos. Los resultados mostraron promedios de ganancias diarias de peso similares a Pr < 5%, donde fueron ligeramente superiores las del grupo alimentado con los bloques multinutricionales (0,848 vs. 0,769 kg animal/día. Los aportes más importantes del experimento fueron, primero, brindar una opción para que el productor pueda alimentar a sus animales en épocas de escasez y evitar que tenga que venderlos a bajos precios. El segundo aporte fue abrir la posibilidad de usar los productos de la elaboración de la panela, que en muchas ocasiones se convierten en desechos que no son usados y que contaminan las fuentes de agua, de una forma económicamente viable.

  3. A comorbidade entre transtornos alimentares e de personalidade e suas implicações clínicas Comorbidity in eating and psychological disorders and its clinical implications

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fernanda Celeste de Oliveira Martins

    2004-01-01

    Full Text Available Os autores revisam, de maneira breve, os estudos clínicos sobre comorbidade em transtornos alimentares. Aspectos gerais do tratamento nessas situações são discutidos.We briefly reviewed the clinical studies of comorbidity in eating disorders. general aspects of the treatment in these situations are discussed.

  4. Ingestion and selection of suprabenthic crustaceans by small-sized fishes in a lower saltmarsh system

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Yoko Wakabara

    1996-01-01

    Full Text Available This study was performed in the lower saltmarsh system of the Arrozal, in the Cananéia lagoon estuarine region (25º02'S - 47º56'W, Brazil. Suprabenthic fauna was surveyed Wlth a small sledge and fishes were captured with casting and set nets to analyse: crustacean fauna as food for local fish species; difference in the diet at different times of the year; if there is diet overlap between species and the feeding behaviour of the species analysed. The fauna of Arrozal is poor in species, dominated mainly by Metamysidopsis alongata atlantica, Acartia lilljeborgi, Atylus minikoi, decapod larvae, and reveals a strong seasonal variation. The fishes were ali camivorous with suprabenthic crustacean as their main food resource. Seasonal changes in food supply are also reflected in the diet. Of the 12 flSh species collected six were opportunistlc feeders whereas six others were selective feeders. Food overlap value of 0.08 for ali of the fish community indicates an almost completely distinct food niches. The increased overlapping of summer food between Cathorops spixii and species of Group 11 and between Oligoplites sp and species of Group I seems to have two different explanations: 1 the mmIDishing of food supply for species feeding on benthic originated suprabenthic crustaceans and 2 overabundance of planktonic forms of suprabenthos as well as a period of high feeding activity of fishes with such diet.O presente estudo foi realizado no infralitoral contíguo à marisma, na Ponta do Arrozal, região estuarina lagunar de Cananéia (25º02'S - 47º56'W, Brasil. A fauna suprabêntica foi amostrada com uma pequena draga e os peixes capturados com tarrafa e rede de espera, com a finalidade de analisar: a composição de espécies dos crustáceos suprabênticos como itens alimentares dos peixes; diferenças na dieta em diferentes época do ano; se ocorre sobreposição alimentar entre as espécies e o comportamento alimentar: das espécies de peixes

  5. Análise tridimensional da situação dos bancos de alimentos de Minas Gerais, Brasil

    OpenAIRE

    Tenuta, Natalia de Oliveira

    2014-01-01

    Bancos de Alimentos (BA) são equipamentos públicos de segurança alimentar e nutricional destinados a captar alimentos prioritariamente perdidos ao longo da cadeia produtiva e distribuir para pessoas em vulnerabilidade social e insegurança alimentar. Como toda política pública, os BAs necessitam de avaliações permanentes, contribuindo para a tomada de decisão e adequada alocação de recursos públicos. O objetivo desta pesquisa foi avaliar os BAs, baseando-se na tríade estrutura-processo-resu...

  6. Efeito de diferentes protocolos de arrefecimento e embalagem com distintas misturas de atmosfera protectora na vida útil de costeletas de borrego de leite

    OpenAIRE

    Severo, Ana Filipa Macedo

    2011-01-01

    Dissertação de Mestrado Integrado em Medicina Veterinária Ao longo dos anos têm sido efectuados diversos estudos na área de tecnologia alimentar, com o intuito do desenvolvimento de técnicas de prolongamento da vida útil dos produtos alimentares facilmente perecíveis, como a carne. Neste trabalho, foi avaliada a vida útil das costeletas de borrego de leite (IGP-Lechazo de Castilla e Léon) provenientes de carcaças sujeitas a dois protocolos diferentes de arrefecimento pós abate (convenciona...

  7. The impact of the visualization of cartoons on children’s food behavior

    OpenAIRE

    Ferreira, Rita Manuel Rodrigues

    2015-01-01

    Dissertação de mestrado integrado em Psicologia Poucos estudos têm analisado os efeitos da visualização de desenhos animados nas preferências, atitudes e escolhas alimentares das crianças. O presente estudo teve como objetivos analisar: (1) o efeito do visionamento de desenhos animados que promovem uma alimentação saudável nas preferências e nas atitudes alimentares e (2) o efeito do visionamento de desenhos animados que promovem uma alimentação saudável nas escolhas aliment...

  8. Dieta e sobreposição de nichos de duas espécies de gerreídeos, Eugerres brasilianus (Cuvier, 1830) e Diapterus rhombeus (Cuvier, 1829) capturadas no canal de Santa Cruz, Itamaracá, Pernambuco.

    OpenAIRE

    Robson Tavares Barbosa

    2012-01-01

    Neste trabalho foram avaliados os perfis sazonais das dietas de Eugerres brasilianus e Diapterus rhombeus, e, a sobreposição alimentar entre estas espécies capturadas no canal de Santa Cruz, localizado no litoral norte do estado de Pernambuco, no período de junho de 2010 a maio de 2011. Teve como objetivo fornecer subsídios que sirvam de base para estudos voltados para o cultivo e uso sustentável destas espécies. Para entender seus hábitos alimentares, foram analisados 837 indivíduos das duas...

  9. Análise vestigial de substâncias de abuso

    OpenAIRE

    Segurado, André Martins

    2016-01-01

    Tese de mestrado em Química, apresentada à Universidade de Lisboa, através da Faculdade de Ciências, 2016 Como resposta à pressão económica, muitas empresas da indústria alimentar reduzem o custo de produção diminuindo a qualidade do produto. Tendo em consideração o número de incidentes observados na última década, amplamente divulgadas pelos meios de comunicação social, envolvendo produtos alimentares chineses, a preocupação global, relativamente a este tipo de produtos, aumentou signific...

  10. Estudo das populações de mariposas perfuradoras de frutos (Lepidoptera: Noctuidae) em parreirais dos municípios de Bento Gonçalves e Farroupilha, Rio Grande do Sul

    OpenAIRE

    Zenker, Maurício Moraes

    2009-01-01

    A morfologia da espirotromba de noctuídeos adultos pode indicar diferentes hábitos alimentares. Algumas espécies, conhecidas como mariposas perfuradoras de frutos, apresentam espirotromba adaptada para perfurar a casca (primárias) ou somente a polpa (secundárias) de frutos para se alimentar, causando danos em pomares, enquanto que em outras esse órgão é utilizado para obter néctar e/ou qualquer tipo de matéria orgânica disponível em estado líquido. Visando determinar, através da morfologia da...

  11. Desenvolvimento de um Questionário Quantitativo de Freqüência Alimentar (QQFA para gestantes usuárias de Unidades Básicas de Saúde de Ribeirão Preto, São Paulo, Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Thaís de Oliveira

    2010-12-01

    Full Text Available O objetivo do presente estudo foi desenvolver um questionário quantitativo de freqüência alimentar para gestantes adultas usuárias do Sistema Único de Saúde de Ribeirão Preto, São Paulo, Brasil. Um inquérito recordatório de 24 horas (IR24h foi obtido de 150 gestantes, 50 em cada trimestre gestacional, com idade entre 18 e 35 anos. Um segundo IR24h foi obtido de 90 gestantes, 30 em cada trimestre gestacional, entre 7 e 15 dias após o primeiro inquérito. Uma lista de 85 alimentos foi estabelecida por regressão linear múltipla stepwise, estimando-se a contribuição percentual para a variabilidade interindividual da estimativa de energia e 28 nutrientes de interesse, com contribuição de 74,2 a 98,8% para os nutrientes de interesse selecionados. As porções alimentares foram determinadas de acordo com a distribuição percentual dos pesos relatados e descritas nos percentis 25, 50, 75 e 100. Desconhecemos a existência de questionário quantitativo de freqüência alimentar desenvolvido para gestantes no Brasil.

  12. Família e transtornos alimentares: as representações dos profissionais de enfermagem de uma instituição universitária de atenção à saúde mental Familia y trastornos alimenticios: las representaciones de los profesionales de enfermería de un hospital de salud mental Family and eating disorders: representations among nursing staff at a mental health university hospital

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Lucia Helena Grando

    2005-12-01

    Full Text Available O estudo é qualitativo, de caráter descritivo, cujo recorte se constitui na questão da família da pessoa com transtorno alimentar. Portanto, buscou-se contextualizar essa temática e apreender, dos relatos dos profissionais entrevistados, as representações acerca da família desses pacientes e sua influência na gênese e no desenvolvimento da doença. Inicialmente, os dados apontaram para representações da família como um grupo social primário que faz cobranças e que, como elemento formador, tem participação na origem do distúrbio. Posteriormente, o tema família surge mais encaminhado para a compreensão da mesma como elemento mantenedor do transtorno alimentar, na qual os limites pouco definidos entre os membros conturbam a relação, evidenciando muitas vezes a alteração na hierarquia: os pais passam a ser controlados pelo filho.Este estudio es cualitativo, de carácter descriptivo, cuyo recorte es la familia de la persona con trastorno alimenticio. Para tanto, se buscó contextualizar tal temática y aprehender, de los relatos de los profesionales entrevistados, las representaciones a cerca de la familia de esos pacientes y su influencia en la génesis y desarrollo de la enfermedad. Inicialmente, los datos apuntaron hacia representaciones de la familia como un grupo social primario que hace cobranzas y que, como instancia formadora, tiene participación en el origen del disturbio. Posteriormente, el tema familia surge destinada a la comprensión de la misma, como elemento de manutención del trastorno alimenticio, en la cual los límites poco definidos entre los miembros turban la relación, evidenciando muchas veces alteración en la jerarquía: los padres pasan a ser controlados por el hijo.This qualitative and descriptive study takes the family of patients with eating disorders as a starting point. We aimed to contextualize this theme and apprehend, from the reports of interviewed professionals, their representations

  13. Insegurança alimentar entre beneficiários de programas de transferência de renda Food insecurity among recipients of government assistance

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Francielle Richetti Anschau

    2012-04-01

    Full Text Available OBJETIVO: Analisar a proporção de insegurança alimentar domiciliar entre a população beneficiária de programas de transferência de renda e os fatores relacionados a essa condição. MÉTODOS: Estudo de delineamento transversal, cuja amostra foi constituída por 421 famílias beneficiárias, residentes no município de Toledo, Paraná. Os dados foram coletados entre setembro de 2006 e fevereiro de 2007, em entrevistas domiciliares, por meio da Escala Brasileira de Insegurança Alimentar e do Questionário de Classificação Econômica, ambos incluídos em questionário sociodemográfico. Para análise das variáveis, foram aplicados os testes de Qui-quadrado, razão de chances, regressão logística multivariada. RESULTADOS: A insegurança alimentar esteve presente em 74,6% dos domicílios, 5,9% na forma grave e 23,8% moderada. Segundo o teste de Qui-quadrado, as variáveis independentes que mostraram associação com a insegurança foram renda per capita, classe econômica D ou E, presença de menores de 18 anos, 7 ou mais membros no domicílio, baixa escolaridade e desemprego ou trabalho informal do chefe. Na regressão logística multivariada, considerando a variável dependente a condição de segurança alimentar/insegurança leve, mantiveram-se associadas à insegurança moderada/grave a classe econômica D/E (OR=2,88, presença 5/6 moradores (OR=2,90 e 7 ou mais (OR=3,05, trabalho informal ou desemprego do responsável pelo domicílio (OR=1,87. CONCLUSÃO: O fato de a transferência de renda ainda deixar em situação de insegurança alimentar um contingente grande de beneficiários (74,6% é explicado pela extrema condição de vulnerabilidade social a que essa população está submetida. Os resultados deste estudo sugerem a necessidade de políticas públicas multissetoriais, com enfoque prioritário para geração de emprego e de renda.OBJECTIVE: This study analyzed the rate of food insecurity among recipients of government

  14. Efeito do peso do suíno em terminação ao início da restrição alimentar sobre o desempenho e a qualidade da carcaça

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Bertol Teresinha Marisa

    2001-01-01

    Full Text Available Foi desenvolvido um estudo para determinar em que peso vivo deve se iniciar a restrição alimentar (RA, visando à melhoria do desempenho e da qualidade da carcaça em suínos machos castrados e fêmeas em terminação, alimentados com ração farelada, no período de inverno. Foram comparados quatro tratamentos: T1 - alimentação à vontade (AV até o abate; T2 - AV até os 90 kg PV e após restrição alimentar (RA de 10%; T3 - AV até os 75 kg peso e após RA de 10%; T4 - AV até os 60 kg PV e após RA de 10%. O experimento iniciou-se com peso vivo inicial dos animais de 52,58 ± 2,34 kg PV e encerrou-se com o peso de 119,27 ± 1,99 kg PV, quando os animais foram abatidos. A restrição alimentar iniciada em qualquer idade reduziu o ganho de peso diário (GPD, mas não melhorou a conversão alimentar (CA nem as características de carcaça dos machos castrados. Nas fêmeas, o GPD só foi reduzido naquelas que iniciaram a RA aos 60 kg peso, não havendo melhora da CA e nem da qualidade da carcaça com a RA iniciada em qualquer idade. Portanto, suínos com alto potencial para deposição de carne magra e baixo consumo voluntário de alimento, alimentados com dietas fareladas e contendo níveis adequados de aminoácidos, não respondem à restrição de energia com início entre os 60 e 90 kg PV para melhorar o desempenho e a qualidade da carcaça.

  15. Mudanças no consumo alimentar e atividade física de escolares de Florianópolis, SC, 2002 - 2007

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Filipe Ferreira da Costa

    2012-12-01

    Full Text Available OBJETIVO: Avaliar a mudança em cinco anos do consumo alimentar e nível de atividade física em escolares. MÉTODOS: Estudo com amostra representativa (n = 4.168 de escolares de sete a dez anos de idade de Florianópolis, SC. Medidas do consumo alimentar e atividade física foram realizadas em dois estudos de base escolar em 2002 (n = 2.936; 51% meninos; idade média = 8,5 anos e 2007 (n = 1.232; 50,7% meninos; idade média = 8,6 anos, utilizando questionários ilustrados. O teste do qui-quadrado foi utilizado para avaliar a mudança no consumo de oito alimentos/grupos de alimentos, no atendimento às recomendações do Guia Alimentar para a População Brasileira e no nível de atividade física (avaliado segundo os terços de distribuição do escore e o tipo de deslocamento para a escola. As análises foram realizadas segundo a rede de ensino. RESULTADOS: Houve redução da proporção de crianças que relatou o consumo de frutas, verduras e legumes, feijão, carnes, guloseimas, pizza, batata frita e refrigerantes. Maior proporção de escolares da rede privada atendeu às recomendações de restrição de consumo de refrigerantes, pizzas e batata frita, e de maior consumo de frutas, verduras e legumes, em ambos os estudos. Por outro lado, maior proporção de escolares da rede pública atendeu às recomendações para o consumo de carnes em 2007. Os valores medianos do escore de atividade física diminuíram em 2007. Em ambos os anos escolares da rede privada foram mais ativos. A proporção de escolares que se deslocou ativamente para a escola reduziu de 49% para 41% (p < 0,01. CONCLUSÕES: Houve redução no consumo de alimentos marcadores de dieta saudável (feijão, carnes/peixes, frutas, legumes e verduras e de alimentos de alta densidade energética e baixo valor nutricional (refrigerantes, guloseimas e pizza/batatas fritas. Também houve decréscimo da proporção de escolares que relataram deslocamento ativo para a escola.

  16. Morfologia e hábitos alimentares de duas espécies de Engraulidae (Teleostei, Clupeiformes na Baía de Sepetiba, Rio de Janeiro Morphology and feeding habits of two engraulid fish (Teleostei, Clupeiformes in the Baía de Sepetiba, Rio de Janeiro

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Sandra Sergipensel

    1999-01-01

    Full Text Available Foram estudados as hábitos alimentares dos peixes engraulídeos Anchoa januaria e Cetengraulis edentulus na Baía de Sepetiba, Rio de Janeiro, de julho de 1983 a julho de 1985. Os itens alimentares e as estruturas morfológicas relacionadas à alimentação indicaram que a área superficial dos rastros branquiais de A. januaria e C. edentulus é mais eficiente para a filtração dos alimentos, do que as distâncias entre os mesmos. Estas estruturas morfológicas possibilitam uma seletividade no tamanho dos itens alimentares, resultando em formas distintata de obtenção do alimento, entre as duas espécies. A. januaria seleciona o zooplâncton, por captura dos itens alimentares, enquanto C. edentuluss é um fitoplanctófago filtrador. Anchoa januaria tem hábitos alimentares diurnos e explgra diferentes estratos da coluna d'água durante os períodos frio e quente.Feeding habits of the engraulidid flsh - Anchoa januaria and Cetengraulis edentullus were studied in the Baía de Sepetiba, Rio de Janeiro, from July 1983 to July 1985. Dietary items and morphological structures "blted to feeding indicate that the surface structures of branchial rays of A. januaria and C. edentulus are more useful for food filtration than the distance between them. Those morphological structures provide a separation of the size of dietary items, thw resoltins in different forms of feeding behaviors between two species. A. januaria is a selective zooplanktivore, picking up food items, whereas C. edentulus is a filtering phytaplanktivore. Anchoa januaria is a diurnal feeder and exploits different layers in the water column during the warm and cold seasons.

  17. The use of a manual-driven group cognitive behavior therapy in a Brazilian sample of obese individuals with binge-eating disorder Utilização de terapia cognitivo-comportamental em grupo baseada em manual em uma amostra brasileira de indivíduos obesos com transtorno da compulsão alimentar periódica

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Mônica Duchesne

    2007-03-01

    Full Text Available OBJECTIVE: To assess the effectiveness of a manual-based cognitive behavior therapy adapted to a group format in a sample of Brazilian obese subjects with binge-eating disorder. METHOD: In an open trial, 21 obese subjects with binge-eating disorder received a group cognitive-behavioral therapy program. Changes in binge-eating frequency, weight, body shape concerns, and depressive symptoms were compared between baseline and the end of the study. RESULTS: The mean frequency of binge-eating episodes significantly decreased from baseline to post-treatment (p OBJETIVO: Avaliar a efetividade da terapia cognitivo-comportamental baseada em um manual adaptado para o formato de grupo em uma amostra brasileira de obesos com transtorno da compulsão alimentar periódica. MÉTODO: Em um estudo aberto, 21 pacientes obesos com transtorno da compulsão alimentar periódica participaram de um programa da terapia cognitivo-comportamental em grupo. A freqüência da compulsão alimentar, o peso corporal, o grau de satisfação com a forma corporal e os sintomas depressivos foram avaliados no início do tratamento e no final do estudo. RESULTADOS: Houve uma redução estatisticamente significativa da freqüência média de episódios de compulsão alimentar entre a linha de base e o final do tratamento (p < 0,001, com uma taxa de remissão de episódios no final do estudo de 76,1%. Foi observada, também, uma redução significativa dos sintomas depressivos e da insatisfação com a forma corporal (p < 0,001. Adicionalmente, a perda de peso foi clínica e estatisticamente significativa. CONCLUSÃO: A utilização de terapia cognitivo-comportamental baseada em um manual adaptado para o transtorno da compulsão alimentar periódica resultou em melhora significativa da compulsão alimentar, do peso corporal, da preocupação com a forma corporal e dos sintomas depressivos associados ao transtorno da compulsão alimentar periódica nessa amostra.

  18. El CO2 como disolvente y como reactivo

    OpenAIRE

    La Franca Pitarresi, Vincenzo Rosario

    2016-01-01

    Existen numerosas ventajas asociada con el uso de CO2 , tanto como disolvente que como reactivo, y todas se pueden resumir en cuatro categorías generales: beneficios ambiental, beneficios de salud y seguridad, beneficios en el procedimiento y beneficios químicos. Los procesos que implican el CO2 como disolvente no aumentaría las emisiones de CO2, más bien proporcionaría una oportunidad para el reciclaje de CO2 residual. Además, los esfuerzos para secuestrar el CO2 producido de los gases de co...

  19. Fatores de risco para o desenvolvimento de distúrbios alimentares: um estudo em universitárias Risk factors in the development of eating disorders: study in a group of college women

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Giovanna Medeiros Rataichesck FIATES

    2001-01-01

    Full Text Available Este trabalho buscou identificar, em mulheres universitárias, aquelas que apresentavam fatores de risco para o desenvolvimento de distúrbios alimentares. Aplicou-se o questionário Eating Attitudes Test em 221 mulheres (114 estudantes de nutrição e 107 estudantes de outras áreas não relacionadas à saúde. Os resultados indicaram que 22,17% das estudantes apresentaram fatores de risco para o desenvolvimento de distúrbio alimentar, sendo que no grupo de alunas da nutrição o percentual foi maior (25,43% do que no grupo de estudantes de outros cursos (18,69%. Embora a diferença não tenha sido significativa, as futuras nutricionistas podem estar inseridas em um ambiente mais favorável ao desenvolvimento de distúrbios alimentares.This work studied a group of 221 college women, to identify those who presented risk factors compatible with the development of eating disorders. The Eating Attitudes Test was applied to 221 women (114 nutrition students and 107 students from other areas, unrelated to the health field. Results indicated that 22.17% of the group presented risk factors in the development of an eating disorder. Nutrition students presented a higher percentage (25.43% than the other students (18.69%, but this difference was not significant. However, women who study nutrition may be exposed to an environment more propitious to the development of eating disorders.

  20. Comportamento alimentar da tilápia do Nilo (Oreochromis niloticus frente a diferentes ingredientes alimentares Alimentary ingredients and the feeding behavior of Nile tilápia (Oreochromis niloticus

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Elyara Maria Pereira-da-Silva

    1999-07-01

    Full Text Available Foram avaliadas as respostas comportamentais da tilápia do Nilo (Oreochromis niloticus frente a 14 ingredientes utilizados na alimentação de peixes: farinhas de carne, de peixe, de crisálidas, de camarão, de girassol, de algodão e de mandioca, ovo integral liofilizado, levedura de cana-de-açúcar, farelos de soja e de trigo, glúten de milho, fubá de milho e raspa de mandioca. O método utilizado foi de dupla escolha, comparando-se cada ingrediente peletizado a uma ração denominada controle. Foram empregados quatro aquários (750 litros, contendo, cada um, três alevinos e dois comedouros instalados nos cantos direito e esquerdo, sendo registradas as respostas dos animais para cada ingrediente, separadamente. Concluiu-se que as respostas comportamentais da tilápia variam de acordo com o ingrediente oferecido e que parece existir uma correlação positiva entre o grau de atrato-palatabilidade de um ingrediente e a ocorrência de confrontos agonísticos entre os indivíduos. Sugere-se que ingredientes classificados como de alta atrato-palatabilidade (farinhas de crisálidas, de peixe, de carne, de camarão e ovo liofilizado integral sejam adicionados às dietas especiais para peixes, visando ao aumento da ingestão alimentar nos períodos pré-invernais, situações de estresse ou estados patológicos.Nile Tilapia (Oreochromis niloticus responses to attractivity and taste of fourteen food ingredients, here classified as animal sources (shrimp, fish, silkworm and meat meal, integral lyophilized egg and sugar-cane-yeast, vegetable protein sources (maize gluten, soybean bran, sunflower meal and cotton bran and energetics (maize flour, manioc scraping, manioc bran and wheat bran were investigated. These ingredients were compared to a control diet, using a two-choice method. Four 750 liters aquaria stocked with three fries each and two feeders installed respectively at the right and left corner where used to register the responses of the

  1. Reconsidering rumen microbial consortia to enhance feed efficiency and reduce environmental impact of ruminant livestock production systems Consórcios microbianos no rúmen para melhorar a eficiência alimentar e reduzir o impacto ambiental dos sistemas de produção animal

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Jeffrey Lynn Firkins

    2010-07-01

    conhecimento atual, uma abordagem mais holística é necessária para descrever vários grupos funcionais de microorganismos dentro do contexto de como eles influenciam e são influenciados dentro do ecossistema ruminal (associação de grupos de microrganismos. Essa perspectiva é aplicada a questões relacionadas com a digestibilidade da fibra, quando o nível de concentrado ou gorduras insaturadas é elevado na dieta, para bovinos de altas produções de carne e leite. Essas mesmas populações microbianas devem ajudar a fornecer fatores de crescimento para as bactérias fibrolíticas enquanto competem com as bactérias hiperprodutoras de amônia de tal forma que haveria menor necessidade de degradação excessiva de proteínas no rúmen como um fator de segurança. Além disso, estas mesmas condições alimentares influenciam os processos de biohidrogenação e metanogênese. Depois de contabilizar as estruturas da população de bactérias, protozoários, bactérias metanogênicas e até mesmo fungos, os esforços para integrar a base molecular da microbiota ruminal com as condições alimentares deverá permitir-nos explicar melhor e, portanto, prever as condições que irão melhorar a eficiência alimentar e reduzir o impacto ambiental dos ruminantes em sistemas de produção.

  2. Indo além : o uso do marketing alimentar e nutricional por uma rede de fast-food na Internet

    OpenAIRE

    Pereira, Maína Ribeiro

    2014-01-01

    Em um contexto de transição alimentar e nutricional, mas com um discurso cada vez mais preocupado com consumo mais saudável e sustentável, as empresas têm buscado se adaptar às exigências e aproveitar as novas oportunidades de mercado que valorizam o alimento mais saudável e que esteja relacionado a práticas ambientais sustentáveis e à qualidade de vida. Estratégias de marketing de alimentos que evidenciem esse tipo de consumo são desenvolvidas com o intuito de reposicionar as marcas à uma im...

  3. Avaliacao de projeto de promocao da saude para adolescentes

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Jovino Oliveira Ferreira

    2013-06-01

    Full Text Available OBJETIVO: Avaliar programa de promoção de atividade física e de escolhas alimentares entre adolescentes. MÉTODOS: Estudo transversal realizado com 911 adolescentes de 13 a 18 anos de idade, de escolas públicas de Goiânia, GO, em 2010. Os participantes foram divididos em dois grupos: intervenção (escolas participantes do Projeto Viver Saudável e controle. Foram considerados como atividade física: deslocamento, aulas de educação física na escola, atividade física fora da escola e no lazer. Foram definidos como ativos aqueles que acumularam 300 ou mais minutos por semana. Quanto às escolhas alimentares, foi classificado como adequado o consumo de alimentos protetores em cinco ou mais dias da semana. Foram realizadas análises estatísticas com teste de Qui-quadrado de Pearson. RESULTADOS: A maioria dos adolescentes foi identificada como inativos ou insuficientemente ativos, com 65,7% no grupo intervenção e 65,2% no grupo controle, sem diferenças significativas entre os grupos e com prevalência maior entre o sexo feminino. Pouco mais da metade dos adolescentes consumiam alimentos protetores da saúde em cinco ou mais dias da semana, sendo 56,6% e 50,4%, respectivamente, nos grupos intervenção e controle (p = 0,373. CONCLUSÕES: A ausência de diferenças quanto a escolhas alimentares e prática de atividade física entre os grupos intervenção e controle indica que o projeto Viver Saudável precisa ser reavaliado visando melhorar a efetividade no cumprimento dos seus objetivos.

  4. Carolee Schneemann. El cine como autobiografía, la artista como actriz, el cuerpo como pincel

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    María Barbaño González-Moreno

    2017-10-01

    Full Text Available Este trabajo analiza la relación de cine y mujer a partir de la obra fílmica de Carolee Schneemann, principalmente de su obra autobiográfica Fuses (1964-1966. Desde ella, se plantea el papel de la artista como productora, directora y protagonista principal de todas sus obras. Reflexionamos así sobre el rol del creador-director como actor que derivaría en la consecución de una obra cinematográfica de tintes necesariamente autobiográficos. Asumiendo la visión vanguardista del cine como diario personal/Entendido el cine como diario personal, Schneemann va a explorar en su obra diferentes aspectos de la identidad y la sexualidad de la mujer en un cine artístico, alternativo y de tendencia política feminista. Entendido/Asumido su cine como elemento plástico, la artista explorará de forma paralela la experimentación matérica y física a través de los cuerpos filmados así como de la propia materialidad de la película, excluyendo toda posibilidad narrativa, dramática e ilusoria de proyección del espectador en el espacio cinematográfico y el espacio privado del creador.

  5. RESPOSTAS DA ATIVIDADE ENZIMÁTICA HEPÁTICA E CEREBRAL EM FUNÇÃO DE DIFERENTES NÍVEIS DE RESTRIÇÃO ALIMENTAR: I – FOSFATASE

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Olga Maria Mascarenhas Faria de Oliveira

    2007-01-01

    Full Text Available O estudo foi feito para determinar a influência de restrição alimentar estabelecida em vários níveis sobre a atividade enzimática de algumas enzimas. Foram alimentados ratos machos com dieta comercial ad libitum (grupo controle e com restrição de 30% e 40% (grupos experimentais. Após o período experimental que teve duração de 28 dias, os animais foram sacrificados e os fígados, cérebros e rins removidos, homogeneizados e submetidos a diferentes velocidades de centrifugação e, em cada etapa foram realizados estudos cinético-enzimáticos das referidas enzimas e dosagem protéica. Os resultados mostraram que a restrição alimentar afeta a quantidade das enzimas fosfatase alcalina e amilase, além do conteúdo protéico, levando a significativo aumento ou diminuição de acordo com o grau de restrição e com a fase do fracionamento centrífugo estudada. O mesmo observou-se para o exercício físico.

  6. Estado nutricional e práticas alimentares de trabalhadores acidentados Nutritional status and dietary practices of injured workers

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria Angélica Tavares de Medeiros

    2007-12-01

    Full Text Available OBJETIVO: Identificar o estado nutricional e as práticas alimentares de trabalhadores acidentados de Piracicaba, SP. MÉTODOS: Estudo transversal com 600 trabalhadores acidentados, atendidos em um dos 8 serviços especializados do município, entre maio e outubro de 2004. Foram caracterizados a situação socioeconômica, ocupacional, as práticas alimentares e o estado nutricional (peso, altura e circunferência de cintura, verificando médias e desvio-padrão. RESULTADOS: Os acidentados eram, fundamentalmente, homens (87,33%, operários (55,17%, com idade média de 33 anos. A maioria se inseria no mercado formal (84,17%, em turno diurno fixo (91,00%, e 55,33% possuía trabalho fixo. Aproximadamente a metade deles apresentou sobrepeso (28,26% ou obesidade (17,89%, sendo maior nos que referiam pouco esforço físico no trabalho (54,90%. Quase 1/3 dos trabalhadores tinha a circunferência da cintura aumentada, indicando risco cardiovascular. O benefício alimentação atendia a 85,33% dos entrevistados. Predominou, na rotina alimentar, a realização de duas grandes refeições, almoço (95,67% e jantar (94,83%; 24,16% não ingeriam o desjejum diariamente, e 37,50% consumiam alimentos entre as grandes refeições. O arroz e o feijão eram consumidos, diariamente, por 98,67%, as carnes por 90,33% e os farináceos por 81,50%. Os laticínios compunham a alimentação diária de 63,33% dos trabalhadores; 55,17% consumiam verduras e/ou legumes diariamente e 32,67%, frutas. Em contrapartida, 53,00% mencionaram consumo diário de doces e refrigerantes e 38,67% de frituras e salgadinhos. CONCLUSÃO: A alta prevalência de excesso de peso e os aspectos poucos saudáveis das práticas alimentares corroboram a tendência atual de aumento dessa doença, portanto, uma maior atenção a essas questões deve ser dada no tocante à vigilância à saúde dos trabalhadores.OBJECTIVE: To identify the nutritional status and dietary practices of injured workers of

  7. Exigência protéica de juvenis de tambaqui (Colossoma macropomum após privação alimentar Protein requirement of tambaqui juveniles (Colossoma macropomum after feed deprivation

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luciana Santos

    2010-09-01

    Full Text Available O objetivo deste trabalho foi avaliar a exigência protéica de juvenis de tambaqui (Colossoma macropomum após a privação alimentar. Os peixes (50,3 ± 0,26g foram submetidos a quatro rações isoenergéticas com diferentes concentrações protéicas (28, 32, 36 e 40% proteína bruta e dois regimes alimentares (com privação e sem privação durante 60 dias. O delineamento experimental foi inteiramente casualizado, em esquema fatorial 4x2, em triplicata. Avaliaram-se os parâmetros de qualidade de água e de desempenho no 1º, 15º e 60º dia de experimento. Os parâmetros da qualidade da água permaneceram dentro dos padrões de cultivo. Não houve mortalidade nos tratamentos testados. Foram observados diferenças entre os tratamentos para os índices de desempenho analisados: taxa de crescimento específico, eficiência alimentar, consumo diário de ração, consumo de proteína bruta, taxa de eficiência protéica e ganho de peso relativo, com exceção do índice hepatossomático. Houve hiperfagia, indicando a existência de crescimento compensatório. Os peixes realimentados com 36% proteína bruta tiveram incremento no teor de gordura visceral e maior deposição de proteína corporal. Estes resultados explicam uma melhora nos dados de ganho de peso, duração da hiperfagia, taxa de crescimento e eficiência alimentar. A privação alimentar não influencia a exigência protéica em juvenis de tambaqui.The aim of this work was evaluate protein requirement of tambaqui (Colossoma macropomum juveniles after feed deprivation. During 60 days, fish (50,3 ± 0,26 g were fed on four isoenergetics diets with different protein content (28, 32, 36 and 40% crude protein at two feeding regimes (with and without feed deprivation under completely random factorial design (4x2 in triplicate. Water quality parameters and performance index were evaluated at 1º, 15º and 60º days. Water quality parameters were kept at normal fish cultivation patterns

  8. Bagaço e fécula de mandioca na elaboração de farinhas cruas e pré-gelatinizadas, snacks e macarrões instantâneos com amaranto

    OpenAIRE

    FIORDA, Fernanda Assumpção

    2011-01-01

    A mandioca é uma tuberosa amilácea de grande potencial energético, podendo ser utilizada tanto para o consumo in natura como para industrialização, gerando quantidades significativas de bagaço, que apresenta potencialidade de uso como fonte de fibra alimentar. A tecnologia de extrusão vem sendo explorada nos últimos anos para o desenvolvimento de novos produtos alimentícios como massas alimentícias que estão incorporadas à cozinha brasileira, servindo como prato principal ou complemento, em m...

  9. O impacto da educação alimentar e nutricional na prevenção do excesso de peso em escolares: uma revisão bibliográfica

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Aillen Leite Araújo

    2017-03-01

    Full Text Available O ambiente escolar apresenta grande potencial para a realização de ações educativas, sobretudo de Educação Alimentar e Nutricional (EAN para a prevenção e controle do sobrepeso e obesidade. Dessa forma, objetivou-se realizar uma revisão sistemática de artigos e trabalhos científicos acerca do impacto da EAN nas ações de prevenção e controle do excesso de peso entre escolares nos últimos dez anos (2005-2015 no país. A revisão sistemática constou em uma busca de trabalhos científicos nas bases de dados SciELO, LILACS, MEDLINE e em bibliotecas especializadas tais como BVS, biblioteca da USP, UNESP e ENSP/Fiocruz/RJ. O estudo totalizou 90 referências, dessas, 18 foram selecionadas. Observou-se um baixo número de publicações na área e no período analisado. Os resultados dos estudos apontaram para mudanças no comportamento alimentar dos escolares e melhoria do conhecimento sobre alimentação saudável, dessa maneira, conclui-se que as ações de EAN apresentaram impacto positivo na prevenção do sobrepeso e obesidade entre os escolares e, portanto, devem ser incentivadas no país. ABSTRACT The impact of Food and Nutrition Education in overweight prevention in school: a literature review The school environment has great potential to carry out educational activities, especially for Food and Nutrition Education (FNE for the prevention and control of overweight and obesity. Thus, the objective was to conduct a systematic review of articles and scientific papers on the impact of FNE in prevention and control of overweight among school children in the past decade (2005-2015 in the country. The systematic review consisted in a search of scientific studies on the databases SciELO, LILACS, MEDLINE and specialized libraries such as BVS, library USP, UNESP and ENSP / Fiocruz / RJ. The study totaled 90 references, of these 18 were selected. There was a low number of publications in the area and the period analyzed. The results of the

  10. Preparação e caracterização de eletrocatalisadores PtRu/C e PtSn/C via redução química por ácido cítrico para oxidação direta de alcoóis em células a combustível tipo PEM

    OpenAIRE

    Roberto Willyan Ramon Verjulio-Silva

    2008-01-01

    Neste trabalho, os sistemas de eletrocatalisadores platina-rutênio (PtRu/C) e platina-estanho (PtSn/C) suportados em carbono de alta área superficial XC72R (Cabot) foram preparados pela redução química de precursores metálicos em solução usando o ácido cítrico como agente redutor. Os eletrocatalisadores foram preparados em diferentes valores de pH, com o objetivo de obter as condições de sínteses mais otimizadas para cada um dos sistemas preparados. O método otimizado mostrou-se eficiente na ...

  11. Prospecção fitoquímica de Sonchus oleraceus e sua toxicidade sobre o microcrustáceo Artemia salina Phytochemical prospecting of Sonchus oleraceus and its toxicity to Artemia salina

    OpenAIRE

    J.M. Lima; C.A. Silva; M.B. Rosa; J.B. Santos; T.G. Oliveira; M.B. Silva

    2009-01-01

    A espécie vegetal Sonchus oleraceus é uma planta daninha presente em diversas culturas no Brasil e de utilização na medicina popular. Neste trabalho, realizou-se a prospecção fitoquímica dessa espécie com extratos em etanol, água e diclorometano, bem como testes de toxicidade sobre o microcrustáceo Artemia salina. O extrato aquoso apresentou em sua composição açúcares redutores, compostos fenólicos, taninos, flavonóides e cumarinas. No extrato etanólico, observaram-se os mesmos compostos qual...

  12. Transporte no solo, absorção e translocação de boro por clones de eucalipto

    OpenAIRE

    Mattiello, Edson Marcio

    2008-01-01

    Fatores ambientais, como falta ou má distribuição de chuvas, e deficiências nutricionais têm sido importantes redutores da produção de florestas plantadas no Brasil. O boro (B) é, entre os micronutrientes, aquele que mais freqüentemente se apresenta deficiente no solo, o que leva a freqüentes adubações com esse elemento. Para avaliar o transporte no solo, a absorção e a translocação de B por clones de eucalipto, foram realizados três ensaios em casa de vegetação. No primeiro ensaio, a contrib...

  13. Síntese fotoquímica e caracterização de nanopartículas de prata na presença de amido

    OpenAIRE

    Santos, Michele Avila dos

    2017-01-01

    Neste trabalho, foi realizada a síntese de nanopartículas de prata (AgNP) por via fotoquímica na presença de amido, com o intuito de desenvolver uma rota sustentável de custo baixo e, assim, atribuir ao amido características que potencializem o seu uso e permitam o seu emprego em diversas áreas. Inicialmente, suspensões de amido de mandioca acetilado e de amido de batata foram testadas como agentes nucleantes e redutores por meio de análises de espectroscopia de absorção UV-vis e espectroscop...

  14. Polpa de fruta congelada: efeito do processamento sobre o conteúdo de fibra alimentar Frozen fruit pulps: effects of the processing on dietary fiber contents

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Silvana Magalhães Salgado

    1999-12-01

    Full Text Available Avaliou-se os efeitos do processo utilizado na obtenção de polpa de frutas congelada sobre o teor de fibras alimentares, empregando-se acerola, caju, goiaba, graviola, manga, pinha, pitanga, sapoti e uva no estágio maduro. Demonstrou-se que o processo tecnológico empregado reduziu significativamente o percentual de fibras alimentares das frutas, determinadas por método gravimétrico não enzimático, principalmente da goiaba, seguida da uva, graviola, sapoti, caju, pinha e acerola; com exceção da manga e pitanga, as demais polpas congeladas não substituem, em termos quantitativos, a fibra alimentar dos frutos in natura na dieta de indivíduos sadios. Considerando que essas perdas são variáveis face às características dos frutos processados, a inclusão de polpas congeladas na dieta em substituição às frutas dependerá de estudos qualitativos que permitam esclarecer os constituintes da referida fração.The effects of the process utilized to obtain frozen fruit pulp on the quality of dietary fibers were evaluated, using ripe samples of acerola, cashew, guava, soursop, mango, sweetsop, pitanga, sapoti and grapes. The results obtained showed that the technological process used reduced significantly the fiber percentual of the fruit, determined by gravimetric non-ensymatic method particularly the guava, followed by the grapes, soursop, saoti, cashew, sweetsop and acerola. With the exception of mango and pitanga, all the frozen pulps tested do not seem to substitute, in terms of quantity of dietary fiber, the in natura fruit in the diet of healthy individuals. Considering the fact that these losses are variable, depending on the characteristics of the fruit which was processed, the inclusion of frozen pulps in the human diet in substitution to fruits will depend on quality control studies which may lead to a classification of the components of the mentioned fraction.

  15. Fatores que interferem na transição alimentar de crianças entre cinco e oito meses: investigação em Serviço de Puericultura do Recife, Brasil Factors that interfere in the food transition in children aged between five and eight months: an investigation of the childcare system in Recife, Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Carmina Silva dos Santos

    2007-12-01

    Full Text Available OBJETIVOS: identificar os lactentes de cinco a oito meses alimentados segundo as recomendações do Ministério da Saúde, atendidos no Serviço de Puericultura do Instituto Materno Infantil Professor Fernando Figueira - IMIP; detectar os principais problemas enfrentados pelas mães no processo de introdução alimentar; identificar o tipo de orientação recebida pelas mães para iniciar a dieta de transição. MÉTODOS: estudo transversal, descritivo, formado por 101 mães de crianças entre cinco e oito meses que haviam iniciado transição alimentar no período de abril a agosto de 2003, as quais foram solicitadas a participar do estudo antes da consulta, mediante os critérios de inclusão e exclusão. As crianças foram classificadas quanto à adequação às normas do Ministério da Saúde para transição alimentar. RESULTADOS: constatou-se que 79,2% dessas crianças não se adequavam às normas do Ministério da Saúde quanto à transição alimentar. Para o não seguimento a essas normas as mães apontaram, como principais motivos: recusa da criança (23,5%; interferência da avó (19%; praticidade do preparo/oferecimento do mingau em relação à alimentação salgada (17,7%. Quanto ao tipo de orientação, 97,4% afirmaram receber as orientações verbais e escritas no serviço. Na amostra estudada o enfermeiro e a avó foram os principais orientadores da transição alimentar, com 77% e 16%, respectivamente. CONCLUSÕES: apenas 20,8% das crianças apresentaram um padrão alimentar adequado, segundo as orientações do Ministério da Saúde. A mãe, principal responsável pelos cuidados da criança, sofreu influências do seu ambiente familiar, sobretudo da avó, e da sociedade em que está inserida. Também foi observado que, para a transição alimentar das crianças, 97,4% das mães recebeu orientação escrita além da orientação verbal.OBJECTIVES: to identify five- and eight-month old breast-feeding infants fed according to

  16. Efeitos agudos de diferentes intensidades de exercício sobre a ingestão alimentar pós-exercício Acute effects of exercise intensity on pos-exercise food intake in young men

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Tatiana Acioli Lins

    2011-06-01

    Full Text Available O objetivo do presente estudo foi verificar os efeitos agudos de diferentes intensidades de exercício aerróbio (40 e 80% do VO2pico sobre a ingestão alimentar pós-exercício. Participaram do estudo 18 adultos jovens, eutróficos (22,20 ± 1,72 kg/m² e fisicamente ativos. Todos os sujeitos foram submetidos aleatoriamente a três condições experimentais: controle (sem exercício; EBI, exercício de baixa intensidade (40% doVO2pico e EAI, exercício de alta intensidade (80% do VO2pico. As sessões de exercício foram isocalróricas (350 kcal. Após 120 minutos de recuperação passiva, os voluntários tinham livre acesso a um "buffet" variado de alimentos, a ingestão alimentar foi determinada atravéz da pesagem dos alimentos ingeridos. Os dados alimentares obtidos foram então tabulados e analisados por meio do "software" Nutwin 6.0 (UNIFESP, 2002, para estimativa do consumo energético total (kcal e ingestão dos macronutrientes (carboidratos, proteínas e lipídeos em gramas. Os resultados não demonstram nenhuma diferença na ingesto alimentar entre as condições experimentais analisadas. Dessa forma, podemos concluir que a ingestão alimentar pós-exercício não se mostrou dependente da intensidade do esforóo em curto prazo em indivíduos adultos jovens fisicamente ativos.The aim of this study was to investigate the acute effects of different aerobic exercise intensities (40 and 80% do VO2peak on post-exercise food intake. The sample was composed of eighteen healthy, physically active young men, of normal weight (22.20 ± 1.72 kg/m². Subjects were randomly submitted to three experimental conditions: control (no exercise; low-intensity exercise (LIE -40% of VO2peak and high-intensity exercise (HIE- 80% of VO2peak. Exercise trials were iso-caloric (350 Kcal. After 120 minutes of passive recovery, the volunteers had free access to a variety food buffet, and food intake was determined thru food weight. Data was analyzed by the software

  17. DIAGNÓSTICO DAS CONDIÇÕES HIGIÊNICOSANITÁRIAS E MICROBIOLÓGICAS DE EMPRESA FORNECEDORA DE COMIDAS CONGELADAS LIGHT NA CIDADE DE BELÉM/PA

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Consuelo Lúcia SOUSA

    2010-03-01

    Full Text Available

    As modifi cações nos hábitos alimentares da população, em conseqüência do ritmo acelerado da vida moderna, têm aumentado a busca por refeições práticas e de qualidade, levando os serviços de alimentação a oferecerem produtos que atendam as novas exigências do mercado consumidor, como é o caso das comidas congeladas light prontas para o consumo. Com o objetivo de avaliar as condições higiênico-sanitárias e a existência de Boas Práticas de Fabricação em uma empresa da cidade de Belém (PA, fornecedora de comida congelada light foram realizadas palestras para os manipuladores e vistorias em dois períodos (1º e 2° semestre de 2008, com aplicação da Ficha de Verifi cação de Boas Práticas para Serviços de Alimentação, baseada na resolução – RDC nº 216, de 15/ 09/ 2004 e realizadas análises microbiológicas de 30 amostras, de seis diferentes preparações por visita, sendo 5 de yakissoba; 5 de frango paraense; 5 de fi lé ao molho madeira; 5 de canja; 5 de sopa de feijão e 5 de sopa de caranguejo, seguindo os padrões exigidos pela legislação vigente e utilizando a metodologia descrita no Compendium of Methods for the Microbiological Examination of Foods. Os resultados encontrados na fi cha de inspeção permitiram classifi car a empresa como Regular. Já em relação à análise microbiológica constatou-se que 100% das preparações apresentaram ausência de Salmonella sp, Estafi lococos coagulase positiva, Clostridium sulfi to redutor a 46ºC e Bacillus cereus. No entanto verifi cou-se a presença de Coliformes a 45ºC, em todas as preparações e 50% encontravam-se fora dos padrões exigidos, indicando condições higiênico-sanitárias inadequadas.

  18. Qualidade de vida, estado nutricional e consumo alimentar de mulheres com câncer de mama em tratamento quimioterápico

    OpenAIRE

    Juliana Scheibler; Flávia Moraes Silva; Thaís Rodrigues Moreira; Fernanda Scherer Adami

    2016-01-01

    Objetivo: Avaliar a qualidade de vida, o estado nutricional e o consumo alimentar de mulheres diagnosticadas com câncer de mama em quimioterapia. Métodos: Estudo transversal e analítico envolvendo 70 mulheres, de 30 a 59 anos, em um hospital do Rio Grande do Sul, no período de maio a outubro de 2015. Aplicou-se o questionário European Organization for Research and Treatment of Câncer Quality of Life Questionnaire C30 (EORTC QLQ- C30). As variáveis antropométricas coletadas foram: peso atual, ...

  19. Corpo e palavra: grupo terapêutico para pessoas com transtornos alimentares Cuerpo y palabra: grupo terapéutico en los trastornos de alimentación Body and word: therapeutic group for people with eating disorders

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Daniel Magalhães Goulart

    2012-12-01

    Full Text Available Transtornos alimentares constituem relações problemáticas com a alimentação e a imagem de si. Seu tratamento deve contemplar múltiplas estratégias, inclusive a abordagem grupal. Este estudo teve como objetivos desenvolver reflexões sobre a grupoterapia com pessoas com transtornos alimentares atendidas em serviço especializado e investigar a dinâmica psicológica dos pacientes atendidos, a partir de ressonâncias contratransferenciais. Foram analisados registros de observação anotados em diário de campo ao longo de 21 encontros grupais consecutivos. O material foi submetido à análise de conteúdo na modalidade temática. Os resultados foram estruturados em três eixos temáticos: vivências impactantes mobilizadas no contato com os pacientes; demanda de ajuda dos pacientes para encontrarem as palavras perdidas, como via de acesso à representabilidade dos afetos elididos do espaço mental pela operação de desafetação; sentimentos contratransferenciais vivenciados pelo pesquisador. Foram discutidas as implicações para o tratamento, visando à busca de estratégias capazes de proporcionar um ambiente terapêutico que facilite a integração psicossomática.Trastornos alimentarios caracterizan relaciones problemáticas con la alimentación y con la auto imagen. El tratamiento debe incluir múltiples estrategias, incluyendo la aproximación grupal. Los objetivos de este estudio fueron: presentar reflexiones acerca de la dinámica de la terapia de grupo de personas atendidas en un servicio especializado e investigar su dinámica psicológica, a partir de las resonancias contratransferenciales. Fueron analizados registros de observación anotados en diario de campo, a lo largo de 21 encuentros grupales consecutivos. El material fue sometido al análisis de contenido temática. Los resultados fueron estructurados en tres ejes temáticos: vivencias impactantes movilizadas en el contacto con los pacientes; demanda de ayuda para

  20. Perturbações do comportamento alimentar na gravidez: uma revisão Eating disorders in pregnancy: a review

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Jordana Pinto Cardoso

    2012-01-01

    Full Text Available Esta revisão de literatura visa abordar os processos envolvidos nas perturbações do comportamento alimentar no período gravídico, nomeadamente no que respeita às vivências subjectivas das mulheres grávidas e dos seus companheiros. Apesar da escassez de estudos sobre a sua experiência neste período, sobretudo relativos às vivências dos intervenientes, é visível a variedade de respostas das grávidas que tiveram alguma perturbação do comportamento alimentar na sua história de vida. Para além da prevalência e dos riscos associados a estas perturbações para a grávida e para o bebé, analisa-se a precipitação, melhoria, manutenção ou agravamento de sintomas associados a estas perturbações e possíveis factores envolvidos. Aborda-se, finalmente, a importância na avaliação e intervenção dos técnicos de saúde.This literature review aims at approaching the processes involved in eating disorders during pregnancy period, in particular regarding the subjective experiences of pregnant women and their partners. Despite the shortage of studies on their experience in this period, particularly concerning the experiences of stakeholders, there's a large variety of responses of pregnant women who had some eating disorder in their lives. In addition to the prevalence and risks associated to such disruptions for the women and their babies, we also analyze the precipitation, improvements, maintenance or worsening of symptoms related to eating disorders and other possible factors involved. It is also approached the importance of assessment and intervention on the part of health professionals.

  1. Determinantes sociodemográficos, antropométricos e alimentares de dislipidemia em pré-escolares

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luciana N. Nobre

    2013-10-01

    Full Text Available OBJETIVO: O objetivo deste estudo foi investigar os determinantes de dislipidemia em pré-escolares. MÉTODOS: A partir de um desenho transversal, foi avaliado um total de 227 pré-escolares com 5 anos de idade residentes em uma área urbana da cidade de Diamantina, Minas Gerais, Brasil. Foram avaliados: variáveis bioquímicas, antropométricas, condição socioeconômica e comportamental, a partir de um questinário; e ingestão alimentar, a partir de um questionário de fequência de consumo de alimentos. Os padrões alimentares denominados "dieta mista", "fast food" e "não saudável" foram identificados por meio de análise de componentes principais. Os determinantes de dislipidemia foram examinados através da análise de regressão de Poisson. RESULTADOS: A prevalência de dislipidemia, neste estudo, foi de 65,19%. Os pré-escolares que consumiam com menos frequência alimentos do padrão "dieta mista" tiveram um risco maior de concentrações mais altas de lipoproteína de baixa densidade (PR = 2,30; p = 0,004, em comparação com aqueles com um consumo mais frequente do padrão "dieta mista". Os pré-escolares cujas mães apresentaram uma escolaridade mais baixa tiveram menor risco de concentrações mais altas de lipoproteína de baixa densidade (PR = 0,43; p = 0,003, e os pré-escolares que estavam com sobrepeso/obesos apresentaram maior risco de concentrações mais altas de lipoproteína de baixa densidade (PR = 2,23; p = 0,003. CONCLUSÃO: Os determinantes de dislipidemia identificados neste estudo foram o consumo menos frequente de alimentos do padrão "dieta mista", índice de massa corporal mais alto e um maior nível de escolaridade materna. Este estudo mostra que, apesar da baixa idade do grupo em estudo, já estão apresentando alta prevalência de dislipidemia, que é um fator de risco importante para doença cardiovascular.

  2. Fome, comida e bebida na música popular brasileira: um breve ensaio

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Francisco de Assis Guedes de Vasconcelos

    2015-09-01

    Full Text Available O artigo reflete sobre como as temáticas fome, consumo de refrigerantes e consumo de feijão com arroz são enfocadas na música popular brasileira. Investigamos os anos de ditadura militar (1964-1985. O foco da análise é a chamada canção de protesto, gênero musical caracterizado por críticas estético-cultural, político-ideológica e social aos governos militares. Tomando como referencial teórico os estudos de ideologia e filosofia da linguagem de Mikhail Bakhtin, evidenciamos que a canção de protesto retratou elementos dos contextos econômico, político e social, e propiciou a difusão de hábitos e ideologias alimentares saudáveis ou não saudáveis, contribuindo para a construção da identidade alimentar brasileira.

  3. Ganho de peso, hemoglobina e hematócrito de ratos recebendo dieta de Quissamã, RJ, com ou sem suplemento alimentar alternativo Weight gain, hemoglobin and hematocrit of rats receiving the Quissamã's diet with or without an alternative food supplement

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Gilson Teles Boaventura

    2003-09-01

    Full Text Available Avaliou-se o suplemento alimentar alternativo adicionado à Dieta de Quissamã, consumida por crianças desnutridas inscritas no Subprograma da Multimistura da Secretaria de Saúde do município de Quissamã, RJ. O ensaio biológico foi desenvolvido durante 28 dias com 42 Rattus norvegicus, Wistar, machos (26 dias, do Laboratório de Nutrição Experimental da Universidade Federal Fluminense, divididos em sete grupos: 1 Grupo Controle (dieta à base de caseína adicionado de vitaminas e minerais; 2 GCvm adicionado do Suplemento Alimentar; 3 Grupo Controle adicionado do Suplemento Alimentar; 4 Grupo Quissamã, à base da Dieta de Quissamã; 5 Grupo Quissamã adicionado de vitaminas e minerais; 6 GQvm adicionado do Suplemento Alimentar; e 7 Grupo Quissamã adicionado do Suplemento Alimentar. Água e ração foram ofertados com livre acesso, e o pesos dos animais e o consumo de ração foram medidos a cada dois dias. O sangue foi coletado no 28º dia para análise. O Grupo Controle adicionado do Suplemento Alimentar apresentou perda de peso significativa (pThis study evaluated an alternative food supplement added to the Quissamã's diet, which is consumed by malnourished children who participate in the Multimixture Subprogram, developed by Quissamã Municipal Health Authority, in the state of Rio de Janeiro. The biological assay was carried out during 28 days with 42 male Rattus norvegicus, Wistar, 26 days old, obtained from the Experimental Nutrition Laboratory at the Fluminense Federal University, divided into seven groups: 1 Control Group (diet based on casein added with vitamins and minerals; 2 CGvm added with Food Supplement; 3 Control Group added with Food Supplement; 4 Quissamã Group, based on Quissamã's Diet; 5 QG added with vitamins and minerals; 6 QGvm added with Food Supplement; and 7 QG added with Food Supplement. Water and food were offered ad libitum, and the weight of the animals and the food consumption were measured every two

  4. Nutrition and self-care practices of patients with chronic Metabolic Syndrome: a qualitative study Los hábitos de alimentación y el autocuidado de los pacientes con Síndrome Metabólico: un estudio cualitativo Práticas alimentares e autocuidado de pacientes com Síndrome Metabólica: um estudo qualitativo

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Carla Maria Vieira

    2012-01-01

    revelaron como mediadoras de la autonomía y como fuente de vulnerabilidad en la convivencia con el proceso de sufrimiento crónico. La acogida y comprensión de los aspectos psicológicos y culturales de la alimentación son necesarios en el tratamiento frente a las dificultades para establecer cambios en el comportamiento alimenticio. CONCLUSIÓN: Se trata de una contribución de abordaje interdisciplinario, que valoriza la escucha de subjetividades en el tratamiento.OBJETIVO: Analisar aspectos subjetivos das práticas alimentares e autocuidado de pacientes na convivência com os sintomas crônicos vinculados à Síndrome Metabólica. MÉTODOS: Estudo clínico-qualitativo (exploratório, não-experimental, realizado com amostra propositalmente pequena de nove pacientes em tratamento ambulatorial de endocrinologia em hospital universitário do Estado de São Paulo, Brasil. O grupo foi fechado por saturação de dados. As entrevistas foram realizadas em profundidade, com orientação psicodinâmica na condução dos diálogos. A categorização do discurso foi desenvolvida por meio da análise de conteúdo. A abordagem psicodinâmica foi a referencial teórico complementada pela antropologia social. RESULTADOS: Práticas alimentares revelaram-se como mediadoras de autonomia e como fonte de vulnerabilidade na convivência com o processo de adoecimento crônico. Acolhimento e compreensão dos aspectos psicológicos e culturais da alimentação são necessários no tratamento diante das dificuldades para estabelecer mudanças no comportamento alimentar. CONCLUSÃO: Trata-se de uma contribuição de abordagem interdisciplinar, que valoriza a escuta de subjetividades no tratamento.

  5. Composição de bagas de 'Niágara Rosada' e 'Folha-de-Figo' relacionadas ao sistema de condução

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Renata Vieira da Mota

    2010-12-01

    Full Text Available RESUMO Este trabalho teve como objetivo avaliar a influência do sistema de condução na qualidade de bagas de uvas 'Niágara Rosada' e 'Folha-de-Figo' cultivadas em Caldas-MG. Foram avaliados a produção por planta, o diâmetro, a massa, o teor de potássio e a temperatura das bagas, pH, teor de sólidos solúveis, açúcares redutores, acidez total e ácidos orgânicos do mosto, compostos fenólicos nas cascas e sementes, e antocianinas. As plantas foram conduzidas em espaldeira, lira, latada ou cordão simples, e os frutos, avaliados nas safras de 2006 e 2007. As videiras de 'Niágara Rosada' cultivadas em latada e 'Folha-de-Figo' em lira apresentaram produção significativamente superior aos demais sistemas de condução. Em todos os casos, as bagas apresentaram temperatura inferior à ambiente, indicando sombreamento completo ou parcial dos cachos. No sistema latada, houve menor acúmulo de sólidos solúveis e açúcares redutores nas duas cultivares. Estes resultados preliminares indicam que a composição das bagas foi pouco influenciada pelo sistema de condução.

  6. Restrição alimentar em caprinos: rendimento, cortes comerciais e composição da carcaça Feed restriction in goats: carcass yield, commercial cuts, and carcass composition

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Enrique Alejandro Yáñez

    2006-10-01

    Full Text Available Com o objetivo de estudar o efeito da restrição alimentar sobre as características da carcaça de caprinos leiteiros, realizou-se um experimento utilizando 27 cabritos castrados da raça Saanen. Os animais (PV inicial de 20 kg foram distribuídos nos tratamentos alimentação à vontade e 30 e 60% de restrição, sendo abatidos aos 35 kg de PV. Foram avaliados o rendimento comercial e biológico, os cortes comerciais, a área de olho-de-lombo e a composição tecidual da perna. O rendimento biológico não foi afetado pela restrição alimentar, mas o comercial diminuiu com o aumento da restrição. A elevação no nível de restrição alimentar promoveu diminuição do lombo e da 6ª a 13ª costelas e aumento da paleta e do pescoço, proporcionalmente à meia-carcaça. A proporção de ossos aumentou e a de gordura total diminuiu com o aumento da restrição. O tecido muscular não foi afetado pela restrição. A restrição alimentar de até 30% não prejudicou a qualidade da carcaça de caprinos leiteiros.Twenty-seven Saanen male kids averaging 20 kg of body weight (BW at the beginning of the trial were used to study the effects of feed restriction on carcass characteristics. Animals were assigned to one of the following three treatments: control (fed ad libitum, 30 or 60% of feed restriction. A completely randomized design was used and data were submitted to regression analysis; animals were slaughtered when they reached 35 kg of BW. The following traits were measured in this trial: carcass commercial and biological yields, commercial cuts, tissue composition of hind leg, rib eye area (REA, and carcass compactness. Increasing feed restriction reduced carcass and commercial cut weights as well as loin and fat proportions in the carcass. Conversely, proportions of bone, neck, and shoulder clod all increased when the feed restriction went from 0 to 60%. Muscle tissue proportion was not changed by feed restriction in this study. It can be

  7. Efeito do Extrato Aquoso de ilex paraguariensis Sobre o Metabolismo de Ratos Machos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Gabriela Lima Pedroso

    2010-09-01

    Full Text Available INTRODUÇÃO: Vários estudos têm apontado Ilex paraguariensis (erva-mate como coadjuvante no manejo da obesidade. O objetivo do estudo foi avaliar ingestão alimentar, peso corporal, volume da diurese, quantidade de gordura abdominal, triglicérides e colesterol total plasmáticos de ratos Wistar machos tratados com extrato aquoso de Ilex paraguariensis. MÉTODOS: Formaram-se dois grupos de seis animais cada, um controle e outro tratado. O tratado recebia extrato de Ilex paraguariensis e o controle, água para hidratação. Todos receberam ração padrão. Para o preparo do extrato da erva, misturava-se 1 L de água aquecida à 80 ºC e 70 g de erva-mate. Em 15 minutos, essa mistura era coada. Após 8 semanas, os animais foram colocados em gaiolas metabólicas para avaliar a ingestão alimentar e hídrica e o volume de diurese e fezes. Nesse período, foi aferido o peso, foram coletadas amostras de sangue para quantificar triglicérides e colesterol e a gordura abdominal foi dissecada após a morte dos animais. Na análise estatística, foi utilizado o teste t de Student para o tratamento de todos os resultados, e P < 0,05 foi considerado significativo. RESULTADOS: Ingestão alimentar e hídrica, diurese, fezes e peso dos animais não apresentaram qualquer diferença significativa, assim como os níveis de triglicérides. A quantidade de gordura abdominal, assim como os níveis de colesterol, foi significativamente menor nos animais tratados. CONCLUSÃO: O extrato da erva-mate parece ter influência sobre o metabolismo dos lipídios sem interferir no peso corporal nem na ingestão alimentar e hídrica.

  8. Consumo alimentar de macro e micronutrientes de crianças menores de cinco anos no Estado de Pernambuco, Brasil Dietary intake of macro and micronutrients by children under five years of age in the State of Pernambuco, Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cristianne Martins Ferreira Fidelis

    2007-03-01

    Full Text Available OBJETIVO: analisar o consumo alimentar de macro e micronutrientes, com base na Dietary Reference Intakes, das crianças menores de cinco anos do Estado de Pernambuco, considerando três áreas geográficas: Região Metropolitana do Recife, Interior Urbano e Interior Rural. MÉTODOS: a amostra constitui-se de 948 crianças menores de cinco anos de idade, com representatividade para o Estado de Pernambuco e suas três áreas geográficas. O consumo alimentar foi registrado mediante o recordatório de 24 horas e foram analisadas as medianas e prevalências de inadequação dos macro e micronutrientes de acordo com as Dietary Reference Intakes. RESULTADOS: o déficit de energia e micronutrientes mostrou-se prevalente nas crianças, em todas as faixas etárias e áreas geográficas; entretanto, o consumo de proteínas apresentou-se acima dos valores de referência. A prevalência de inadequação dos micronutrientes foi elevada, principalmente de ferro e zinco, nas crianças acima de 12 meses de idade. Os resultados no Interior Rural foram os mais baixos para todos os nutrientes analisados. CONCLUSÕES: o consumo alimentar das crianças do Estado de Pernambuco demonstrou déficit de energia, de macro e micronutrientes. Espera-se que estes resultados possam servir como subsídios para implementação de políticas de nutrição e alimentação no Estado, visando prevenir os principais distúrbios nutricionais em menores de cinco anos.OBJECTIVE: to analyze the foo