WorldWideScience

Sample records for aguda da aorta

  1. Aortoscopia no tratamento das dissecções agudas da aorta Aortoscopy in the treatment of acute dissecting aneurysms of the aorta

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Gladyston SOUTO

    1999-07-01

    Full Text Available No período de janeiro a dezembro de 1998 , foram operados 10 pacientes portadores de dissecção aguda da aorta (DA Ao 4 do tipo A e 6 do tipo B. O sexo masculino predominou e a idade dos pacientes variou de 34 a 78 anos. Em todos foram realizadas aortoscopias usando hipotermia profunda com parada circulatória total. Usou-se um gastroscópio, obtendo visão do lume da Ao, sendo que todos os pacientes tinham menos que 15 dias da doença. No tipo A, havia re-entrada abaixo da subclávia esquerda em 2 pacientes e, nos outros 2, na bifurcação das ilíacas. No tipo B, havia re-entrada ao nível das renais em 2 pacientes e, ao nível da bifurcação da Ao e das ilíacas, em 4. Em 2 pacientes do tipo A, a aortoscopia orientou na colocação de uma "Tromba de Elefante" como complemento. Nos outros 2, orientou na inversão do sentido da linha arterial. No tipo B, orientou na perfeita colocação da "Tromba de Elefante" e, em 4 pacientes, utilizamos a aortoscopia como complemento diagnóstico. O tempo utilizado na aortoscopia não alterou a morbimortalidade. Podemos concluir que a aortoscopia é um método de diagnóstico rápido, com boa definição das alterações anatômicas da Ao, permitindo um tratamento efetivo. Nos casos agudos instáveis podemos dispensar alguns exames pré-operatórios para não retardarmos a operação. O diagnóstico da re-entrada nos seguimentos inferiores da Ao ajuda a evitar a dissecção retrógrada. Acreditamos que a aortoscopia poderá, no futuro, ser de grande ajuda no diagnóstico e tratamento das DA Ao, bem como de outras lesões da Ao.From January to December 1998, ten patients with dissecting aneurysms of the Aorta (ADA Ao were operated on, 4 type A and 6 type B. Males predominated and ages ranged from 34 to 78 years. In all of them aortoscopy was performed with deep hypothermia and circulatory arrest. A gastroscope was used with visualization of the aortic lumen and all patients had less than 15 days of disease

  2. Tratamento híbrido com endoprótese não recoberta nas dissecções agudas da aorta tipo A New surgical strategy for acute type A aortic dissection: hybrid procedure

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ricardo Ribeiro Dias

    2007-12-01

    Full Text Available O tratamento da dissecção aguda da aorta tipo A de Stanford, com a utilização de um novo dispositivo (stent de aorta não recoberto em associação à interposição de tubo supracoronariano para a substituição da aorta ascendente e hemiarco permitem que o arco aórtico e porção da aorta descendente sejam tratados, sem acrescentar complexidade ao procedimento operatório, nem prolongar o tempo de isquemia cerebral ou sistêmica.The new surgical strategy to treat patients with acute type A aortic dissection, the hybrid procedure with an uncovered aortic stent, allows surgeons to treat the aortic arch and the proximal descending aorta, besides the ascending segment, without extension of cerebral or systemic ischemia.

  3. Resultados a médio prazo do tratamento cirúrgico da dissecção aguda de aorta tipo A com o emprego da prótese intraluminal

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    OLIVEIRA Jefferson Francisco de

    2001-01-01

    Full Text Available Introdução: O conceito de prótese intraluminal foi introduzido por CARREL, em 1912. Em 1978, DUREAU & ABLASA descreveram os primeiros casos de dissecção aguda de aorta tratados com o emprego da prótese intraluminal. Esta prótese foi utilizada nos anos 80 por vários grupos com bons resultados. Vários relatos de complicações (migração, embolias, estenoses, formação de pseudo-aneurismas fizeram com que os grupos cirúrgicos perdessem o entusiasmo por esta técnica. Objetivo: Avaliar a anastomose empregando a prótese intraluminal sem sutura no tratamento da dissecção aguda de aorta tipo A. Casuística e Métodos: Sessenta e quatro pacientes com diagnóstico de dissecção aguda de aorta do tipo A foram operados em nosso Serviço. Em todos os casos empregamos o anel intraluminal como técnica de sutura. A idade média dos pacientes era de 56,3 anos, sendo 57 (89% do sexo masculino. Todos os pacientes eram portadores de hipertensão arterial sistêmica. Em 26 pacientes utilizamos somente a anastomose intraluminal, com o anel proximal acima dos óstios coronários de modo a ressuspender a valva aórtica e o anel distal posicionado junto à origem do tronco braquiocefálico. O tempo médio de pinçamento da aorta nestes pacientes foi de 9 minutos e o tempo médio de CEC de 26 minutos. Somente em 1 caso houve rotura da ligadura sobre o anel proximal, quando realizamos uma operação radical (Bentall- DeBonno, mantendo o anel distal. Em 23 pacientes utilizamos a ressuspensão da valva aórtica e o preparo da raiz da aorta com duplo retalho de Dacron, empregando o anel intraluminal na anastomose distal. Abordamos o arco aórtico em 8 pacientes. A troca da valva aórtica foi necessária em apenas 6 pacientes. A mortalidade global foi de 10,3%, sendo que nos pacientes onde foi possível o tratamento com o duplo anel não houve nenhum óbito. Na avaliação pós-operatória destes pacientes foi realizado ecocardiograma e aortografia. N

  4. Tratamento cirúrgico das dissecções agudas de aorta do tipo B: técnica da "tromba de elefante" modificada pelo emprego de prótese intraluminal sem sutura

    OpenAIRE

    BERNARDES Rodrigo de Castro; Raul Corrêa RABELO; Reis Filho,Fernando Antônio Roquete; Rabelo,Walter; MARINO,Marcos Antônio; Marino, Roberto Luiz

    1996-01-01

    Durante a última década, a cirurgia cardiovascular experimentou grande impulso, com o desenvolvimento de métodos de diagnóstico, técnicas de proteção miocárdica e cerebral, técnicas de sutura e circulação extracorpórea, que, somados à maior experiência dos cirurgiões, permitiu o questionamento da indicação do tratamento clínico para as dissecções agudas de aorta do tipo B, procurando, com o tratamento cirúrgico, redução da alta taxa de mortalidade desta doença. A técnica da "tromba de elefant...

  5. Hematoma da aorta ascendente Intramural hematoma of the ascending aorta

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Noedir Antônio G. Stolf

    2006-12-01

    Full Text Available É relatado o caso de um paciente do sexo masculino com idade de 71 anos, dando entrada no pronto-atendimento com palidez cutaneomucosa, acompanhada de hipertensão arterial sistêmica e dor torácica. Na investigação diagnóstica não foi evidenciada alteração compatível com isquemia miocárdica aguda. A radiografia de tórax evidenciava alargamento importante do mediastino. Ao ecocardiograma, a aorta ascendente media 47 mm, no nível do tronco pulmonar. Um dia após o eco, o paciente foi submetido a exame de ressonância magnética (RNM, quando se evidenciou aorta ascendente de 62 mm, sem evidenciar fluxo em falsa luz ou "flap" intimal, mas mostrando hematoma intramural da aorta ascendente, estendendo-se da raiz da aorta até um terço proximal do arco aórtico. Procedeu-se a correção cirúrgica, sendo realizada substituição da aorta ascendente e parte do arco aórtico (hemiarco, com preservação da valva aórtica pela suspensão das comissuras. Paciente evolui bem sem intercorrência, recebendo alta no nono dia de pós-operatório. Enfatizamos nesse relato de caso a semelhança do quadro clínico do hematoma intramural da aorta com o quadro de dissecção da aorta, a importância de se estabelecer diagnóstico correto e o melhor tratamento.It is reported the case of a 71 year old male patient admitted to the emergency service pale and with systemic arterial hypertension and thoracic pain. In the diagnostic investigation, there was no evidence of compatible with acute myocardial ischemia. The thorax x-ray showed important enlargement of the mediastinum. In the echocardiogram the ascending aorta measured 47mm, at the level of the pulmonary artery. One day after the echo, submitted to exam of magnetic resonance (RNM, the ascending aorta had a diameter of 62mm, without false lumen flow or intimal "flap", but showing intramural hematoma envolving the ascending aorta and the proximal portion of the aorta. It was submitted to the surgical

  6. Aneurismas da aorta Aortic aneurysms

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Januário M Souza

    1992-09-01

    Full Text Available Entre janeiro de 1979 e janeiro de 1992, foram realizadas 212 operações para correção de aneurismas e de dissecções da aorta. Neste trabalho serão analisados 104 procedimentos cirúrgicos (em 97 pacientes para correção de aneurismas. A idade dos pacientes variou de 14 a 79 anos (média 59,5 anos e o sexo predominante foi o masculino, com 75 pacientes. Os aneurismas localizavam-se na aorta ascendente em 46 pacientes, na croça em 8, na aorta descendente em 8, na aorta toráco-abdominal em 8, na aorta abdominal em 21, na aorta descendente e abdominal em 2, na aorta ascendente e tóraco-abdominal em 2, na aorta ascendente e descendente em 1, na aorta ascendente, croça e descendente em 1. Doenças cardiovasculares associadas estavam presentes em 39 pacientes, sendo valvopatia aórtica em 18 (excluídos os pacientes com ectasiaânulo-aórtíca, insuficiência coronária em 17, coarctação da aorta em 2, persistência do canal arterial em 1 e valvopatia mitral e aórtica em 1. A mortalidade imediata (hospitalar e/ou 30 dias foi de 14,4%, sendo de 27,7% (5/18 para pacientes com mais de 70 anos e de 11,3% (9/79 para pacientes com idade inferior a 70 anos. Os aneurismas localizados na aorta ascendente e croça foram operados como o auxílio de circulação extracorpórea. Parada circulatória e hipotermia profunda foram utilizadas em todos os pacientes com aneurisma da croça. O estudo tomográfico e angiográfico deve ser de toda a aorta, pela possibilidade de aneurismas de localizações múltiplas.Among 212 patients undergoing operation for aortic aneurysm and aortic dissection between January 1979 and January 1992, 97 were operated on for aneurysms. The aneurysms were localized in: ascending aorta in 46 patients, transverse aortic arch in 8, descending aorta in 8, thoracoabdominal aorta in 8, abdominal (infrarenal aorta in 21, descending and abdominal aorta in 2, ascending and thoracoabdominal aorta in 2, ascending and descending in 1

  7. Fase aguda da esquistossomose mansoni

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Edward Tonelli

    1972-10-01

    Full Text Available O A. faz um estudo panorâmico sobre a fase aguda da esquistossomose mansoni, abordando o quadro clínico e seu diagnóstico, os exames subsidiários, o diagnóstico diferencial, a terapêutica e os aspectos evolutivos. As manifestações clinicas dos períodos de incubação, de estado e de supressão são abordados. O diagnóstico da fase aguda é baseado em dado epidemiológico, 110 exame fisico e em exames subsidiários. O dado epidemiológico. em geral, é positivo, com menção a banho infectante, comumente 30 a 40 dias antes do início do quadro clínico e ao exame físico, encontramos hipertermia (38 - 4G°C, prostração, micropoliadenia hepatomegalia dolorosa em 95%, dos casos e esplenomegalia em 70% dos casos. Os exames prioritários para o diagnóstico são o exame parasiiológico de fezes seriado, que é positivo para ovos viáveis de S. mansoni e o leucograma seriado, que, geralmente, acusa leucocitose com eosinofilia. Em caso de dúvida ou para complementação diagnostica, podemos recorrer à endoscovia retal, ao oograma e á biópsia hepática. A endoscopia acusa, comumente, mucosa hiperêmica, edemaciada, friável, granulosa, com pontos hemorrágicos e o exame colhido por punção biópsia revela, entre outros achados, granulomas na fase necrótica-exsudativa. O diagnóstico diferencial deve ser feito com as seguintes entidades clínicas: gastroenterites. febre tifóide, disenteria bacilar, amebíase aguda, salmonelose septicêrnica prolongada, devendo, ainda, figurar a tuberculose miliar, abdome agudo, a G.N.D.A., a mononucleose infecciosa, a leptospirose, a hepatite e as poaneurites. A terapeutica é baseada nos cuidados gerais, na córticoterapia e na terapêutica específica. Observamos regressão dramática do quadro toxinfeccioso. nas primeiras 24 a 48 horas com a córticoterapia (prednisona que tem duração aproximada de 7 a 10 dias. A terapêutica específica (derivado nitrotiazolico = ambilhar e derivado hidroximet

  8. Cisto tímico como diagnóstico diferencial de doença aguda da aorta torácica Thymic cyst as a differencial diagnosis of acute thoracic aortic disease

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marcos Gradim Tiveron

    2008-12-01

    Full Text Available Paciente encaminhada de outro serviço com história de dor torácica aguda de forte intensidade com diagnóstico de hematoma intramural na aorta ascendente para correção cirúrgica. Após investigação diagnóstica, identificou-se tumoração cística no mediastino anterior, que envolvia toda a aorta ascendente e que produzia restrição ao enchimento diastólico do ventrículo direito. A análise histológica do tumor ressecado revelou o diagnóstico de cisto tímico. Objetivo deste relato é descrever tumoração mediastinal de baixa prevalência, que pode produzir imagem radiológica com características de hematoma intramural e resultar em conduta terapêutica equivocada.Patient was referred to our Service with acute thoracic pain and diagnosis of intramural hematoma of the ascending aorta for surgical correction. The diagnostic investigation showed a cystic tumor involving the ascending aorta causing restriction of the right ventricular inflow. After resection, the histologic analysis disclosed the diagnosis of thymic cyst. The aim of this study is to describe a rare mediastinal tumor that may simulate a radiologic feature with characteristics of intramural hematoma and may result in a wrong therapeutic approach.

  9. Tratamento cirúrgico das dissecções agudas de aorta do tipo B: técnica da "tromba de elefante" modificada pelo emprego de prótese intraluminal sem sutura Acute type B aortic dissection: surgical treatment using the Elephant Trunk technique

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rodrigo de Castro Bernardes

    1996-03-01

    Full Text Available Durante a última década, a cirurgia cardiovascular experimentou grande impulso, com o desenvolvimento de métodos de diagnóstico, técnicas de proteção miocárdica e cerebral, técnicas de sutura e circulação extracorpórea, que, somados à maior experiência dos cirurgiões, permitiu o questionamento da indicação do tratamento clínico para as dissecções agudas de aorta do tipo B, procurando, com o tratamento cirúrgico, redução da alta taxa de mortalidade desta doença. A técnica da "tromba de elefante", descrita por Borst, foi adaptada por Palma e Buffolo para o tratamento das dissecções agudas de aorta do tipo B, oferecendo bons resultados, além de facilidade técnica por não manipular o tecido doente e friável da aorta durante o ato cirúrgico. No período de 31/6/92 a 20/2/95, 7 pacientes foram operados com esta técnica sendo 1 paciente do sexo feminino e 6 do sexo masculino. Tivemos 2 (28,5% óbitos, que não podem ser relacionados à técnica cirúrgica. Neste trabalho, apresentamos modificação da técnica da "tromba de elefante", com o emprego do anel intraluminal, desenvolvido em nosso Serviço, dispensando qualquer tipo de sutura para anastomose, obtendo diminuição acentuada do tempo de parada circulatória total, permitindo dispensar a hipotermia profunda.During the last decade, cardiovascular surgery has experienced an extraordinary impetus through the development of the diagnostic methods, techniques of myocardic and cerebral protection, suture and extracorporeal circulation techniques, which provided greater experience to surgeons and permitted them to question the medical therapy recommendations for acute type B aortic dissection. The surgical treatment seeks to reduce the high mortality rate of this pathology in a short and long run. The Elephant Trunk technique, discribed by Borst and adapted by Palma and Buffolo, for the treatment of acute type B aortic dissection offers good results as well as a simple

  10. "Stent" auto-expansível nas dissecções da aorta tipo B

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    PEREIRA Wagner Michael

    1999-01-01

    Full Text Available O tratamento clínico das dissecções agudas da aorta do tipo B tem mortalidade em torno de 25% menor que a mortalidade cirúrgica. O tratamento cirúrgico das dissecções crônicas também produz uma morbidade e mortalidade elevadas. A utilização de "stents"auto-expansíveis endovasculares pode ser uma nova alternativa no tratamento destas lesões. De abril a dezembro de 1998 foram implantados 15 "stents" endovasculares, 10 em dissecções agudas e 5 em crônicas. A idade dos pacientes variou entre 48 e 75 anos (média=60,53±9,73 anos com 66,6% do sexo masculino. Os pacientes foram submetidos à esternotomia mediana, circulação extracorpórea (CEC com hipotermia profunda (18° - 20°C, parada circulatória total (PCT e perfusão cerebral retrógrada (PCR. A aorta transversa foi incisada e implantado o "stent" na aorta descendente sob auxílio de aortoscopia. Foram analisados os tempos de CEC, pinçamento aórtico, PCT, PCR, reaquecimento, ventilação mecânica, internação, sangramento trans e pós-operatório, reposição sangüínea, gasometria, curva de eventos e sobrevida. A mortalidade hospitalar (30 dias foi de 6,6%; 2 pacientes foram reoperados com 3 e 6 meses após a operação com dissecção da aorta ascendente e aneurisma roto distal ao "stent". Quatorze vêm sendo acompanhados com 1 a 8m de evolução, sendo que 85,7% estão livres de eventos e curva de sobrevida de 93,1%(240 dias. Concluímos que o implante de "stent"intraluminais auto-expansíveis apresentou mortalidade menor na fase aguda da doença (6,6% comparada à nossa experiência anterior com o tratamento clínico (30%. Apesar da amostra ser pequena, o procedimento parece ser promissor e necessita mais acompanhamento.

  11. Tratamento cirúrgico da dissecção da aorta Surgical treatment of the aortic dissection

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marcos Fassheber Berlinck

    1990-04-01

    Full Text Available Entre janeiro de 1979 e dezembro de 1989, foram realizadas 85 operações para o tratamento da dissecção da aorta, sendo 50 na fase aguda e 35 na fase crónica. A mortalidade imediata (hospitalar foi de 21,1% (18 pacientes, tendo como causa principal a síndrome de baixo débito cardíaco. Foi maior nos pacientes operados na fase aguda. Dentre quatro pacientes reoperados por recidiva ou dissecção em outro local, dois faleceram. Com relação à morbidade, uma paciente, reoperada por aneurisma tóraco-abdominal, apresentou paraplegia no período de pós-operatório. O seguimento tardio mostrou boa evolução dos 63 sobreviventes.Between January 1979 and December 1989, eighty five operations were performed to treat aortic dissection, including fifty in the acute phase, and thirty five in a chronic phase. The Hospital mortality was 21.1% (eighteen patients and low cardiac output was the major cause of death. The mortality was higher in the group of patients operated upon in the acute phase. Four patients were operated upon for redissection or dissection in other localization of the aorta, and all of them died. One patient developed paraplegy in the postoperative period. The late follow-up showed good evolution in the survivors group.

  12. Oclusão arterial aguda por derivados da ergotamina

    OpenAIRE

    Souza,Edison Barreto de; Araújo,Márcia Marinho Gomes de

    2009-01-01

    Os derivados da ergotamina compõem diversas drogas amplamente utilizadas no tratamento de ataques agudos de migrânea. A intoxicação por estas substâncias resulta geralmente de sua administração crônica, promovendo sintomas secundários ao espasmo arterial e à consequente isquemia distal. Neste artigo, é relatado o caso de uma paciente de 47 anos com diagnóstico de oclusão arterial aguda em membros inferiores secundária ao uso de derivados da ergotamina. Após a suspensão da droga e a prescrição...

  13. Onze anos de experiência com emprego do anel intraluminal para tratamento das doenças da aorta

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    BERNARDES Rodrigo de Castro

    1999-01-01

    Full Text Available O tratamento cirúrgico das doenças da aorta é geralmente acompanhado de altas taxas de morbimortalidade. O paciente que tem média de idade avançada geralmente é apresentado ao cirurgião em estado grave, com má condição nutricional, muitas vezes com alterações em vários órgãos e sistemas causados pela própria doença aguda. A correção convencional exige técnicas coadjuvantes complexas e agressivas como a circulação extracorpórea prolongada, hipotermia profunda, parada circulatória total além de prolongados tempos de pinçamento de aorta. Na tentativa de reduzir a agressão cirúrgica no paciente já intensamente debilitado pela própria doença, desenvolvemos, em 1988, um anel intraluminal (1, 2 que tem medidas projetadas e experimentadas para facilitar a sua manipulação e anastomose, proporcionando uma diminuição acentuada no tempo de operação, tempo de CEC, tempo de pinçamento de aorta, excluindo muitas vezes a circulação extracorpórea e a hipotermia, obtendo uma anastomose fácil, rápida, segura e hemostática. Entre março de 1988 e janeiro de 1999, 432 pacientes foram submetidos a tratamento cirúrgico de dissecções ou aneurismas da aorta em nosso Serviço. Em 328 pacientes empregamos o anel intraluminal como técnica de anastomose. Usamos 489 anéis. Cento e vinte e cinco pacientes eram portadores de dissecção aguda de aorta do tipo A, 29 eram portadores de dissecção aguda de aorta do tipo B, 81 de aneurisma de aorta ascendente, 8 de aneurisma de arco aórtico, 28 pacientes eram portadores de aneurisma de aorta torácica descendente, 17 eram portadores de aneurisma toracoabdominal e 40 pacientes de aneurisma de aorta abdominal infra-renal. A mortalidade global foi de 13,41%. O seguimento ambulatorial destes pacientes variou de 11 anos a 25 dias. A curva actuarial de sobrevivência em 11 anos mostra 67,3%. Em nenhum caso observamos as complicações descritas na literatura, como embolia, formação de

  14. Os ramos colaterais da aorta abdominal em jaguatirica (Leopardus pardalis

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luane L. Pinheiro

    2014-05-01

    Full Text Available A jaguatirica (Leopardus pardalis é uma das espécies de felino silvestre que pouco foi investigada quanto a sua morfologia. Assim, o estudo objetivou detalhar a origem e distribuição dos ramos colaterais da aorta abdominal deste animal. Avaliou-se dois exemplares, sendo um macho e uma fêmea, jovens, provenientes de Paragominas-PA, doados ao Laboratório de Pesquisa Morfológica Animal (LaPMA da Universidade Federal Rural da Amazônia (UFRA. O sistema arterial foi preenchido com látex pigmentado de vermelho e os cadáveres foram preservados com solução de formaldeído tamponado a 10%. A aorta abdominal do L. pardalis teve origem entre T12 e L1, sendo a artéria celíaca o primeiro ramo visceral no sentido crânio-caudal, resultando nas artérias hepática, gástrica esquerda e esplênica. A artéria mesentérica cranial surgiu como segundo ramo da aorta abdominal, originando as artérias jejunais. Na sequência localizamos artéria pancreáticoduodenal caudal, artérias ileais, artérias ileocólicas, artérias renais direita e esquerda, artérias adrenais direita e esquerda e artérias ováricas ou testiculares direita e esquerda. Parietalmente, a aorta abdominal originou em média seis ramos lombares, bem como a artéria frenicoabdominal, as artérias circunflexas ilíacas profundas e artérias ilíacas externa e interna. A aorta abdominal gerou ainda a artéria mesentérica caudal, a qual dividiu-se em artérias cólica esquerda e retal cranial. A artéria cólica esquerda seguiu cranialmente paralela ao cólon descendente irrigando-o, originando em média 18 ramos, e anastomosando-se com a artéria cólica média. A artéria retal cranial seguiu em direção caudal distribuindo oito ramos à porção final do cólon descendente e ao reto, e uniu-se com a artéria retal média. Por fim, a aorta abdominal emitiu como ramo terminal a artéria sacral mediana. A vascularização arterial abdominal desta espécie é bastante semelhante ao

  15. Uso da prótese endovascular auto-expansível para tratamento das doenças da aorta torácica descendente

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    STOLF Noedir A. G.

    1998-01-01

    Full Text Available Os autores relatam a experiência com o tratamento de aneurisma e dissecção da aorta descendente associada ou não a comprometimento do arco aórtico com o uso de prótese intraluminal auto-expansível introduzida cirurgicamente através do arco aórtico. Foram operados 11 pacientes, 9 do sexo masculino e com idades variando de 49 a 78 anos. O diagnóstico era de aneurisma em 6, sendo 2 rotos e dissecção em 5, sendo aguda em 2. Quatro doentes apresentavam afecções cirúrgicas associadas: aneurisma de aorta ascendente (1, aneurisma de arco (1, insuficiência coronária (1 e insuficiência da valva aórtica (1. Os pacientes foram operados com colocação de prótese intraluminal auto-expansível cirurgicamente através do arco aórtico sob hipotermia profunda e parada circulatória total. Em 4 pacientes foram realizadas operações associadas: troca da valva aórtica (1, substituição da aorta ascendente (2, troca do arco aórtico (1 e revascularização miocárdica (1. Houve um óbito intra-operatório por dissecção da aorta ascendente e dois óbitos hospitalares por associação de complicações. Oito pacientes tiveram alta sendo que 1 faleceu no terceiro mês de pós-operatório. Os sobreviventes estavam bem clinicamente e o estudo por imagem mostrou adequada correção da doença. Os autores concluem que o uso da prótese intraluminal simplifica e corrige adequadamente as afecções da aorta descendente. A morbimortalidade observada nessa série deve-se a outros fatores independentes da técnica.

  16. Fatores de risco na cirurgia das dissecções da aorta ascendente e arco aórtico Risk factors in surgery for thoracic aortic dissection

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luiz Felipe P Moreira

    1987-08-01

    Full Text Available A experiência cirúrgica no tratamento de 72 pacientes consecutivos com dissecções da aorta proximal foi analisada, com o objetivo de identificar os fatores agravantes do risco da operação. Trinta e nove pacientes foram operados na fase aguda e, em 9 pacientes, o comprometimento era restrito à aorta ascendente. O procedimento cirúrgico mais utilizado foi a substituição da aorta ascendente por tubo de Dacron, associada à correção da delaminação, tendo-se atuado no arco aórtico apenas em 5 pacientes. A mortalidade hospitalar foi de 27,7%, assumindo um valor de 43,5% para os pacientes operados na fase aguda e de 9% para os operados cronicamente. Em 45% desses pacientes houve uma relação direta entre a causa do óbito e a existência de complicações no pré-operatório. Foram considerados como determinantes de maior risco cirúrgico: as lesões neurológicas prévias, o tamponamento cardíaco, o choque cardiogênico, a isquemia miocárdica aguda e a disfunção renal. A compressão do tronco braquiocefálico, ou das artérias carótidas pela dissecção, o orifício de rotura primária da íntima no arco aórtico, a isquemia mesentérica e, nos casos operados na fase aguda, a insuficiência valvar aórtica de moderada ou grave repercussão também foram relacionados a um risco operatório mais elevado. Em conclusão, o resultado do tratamento cirúrgico das dissecções da aorta proximal guarda íntima relação com as condições pré-operatórias dos pacientes. A obtenção de melhores resultados com a operação na fase aguda depende, principalmente, do reconhecimento precoce da dissecção e da utilização de terapêutica clínica adequada durante o período de investigação diagnostica.The surgical experience in the treatment of 72 patients with proximal aortic dissections was analized to identify the determinants of high operative risk. Thirty-seven patients were operated upon in the acute stage and the dissection was

  17. Correção cirúrgica de aneurismas da aorta torácica por técnica de exclusão Surgical correction of aneurysms of the thoracic aorta using the aneurysmal exclusion technique

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Bayard Gontijo Filho

    1988-04-01

    Full Text Available São apresentados 14 pacientes portadores de aneurisma da aorta torácica (4 do arco aórtico e 10 da aorta descendente, com importantes complicações pré-operatórias, que foram submetidos a correção cirúrgica através de técnica de exclusão da área aneurismática. Esta exclusão foi realizada através de um desvio extra-anatômico entre a aorta ascendente e a aorta abdominal, associado a ligadura da aorta, acima e abaixo do aneurisma. Em 5 pacientes, esta ligadura foi realizada com uso de suturas mecânicas (stapler. Houve 6 (42,8% óbitos no período pós-operatório, quase todos relacionados a grave condição clínica pré-operatória, em pacientes portadores de discussão aórtica aguda (tipo B. Dos 8 pacientes sobreviventes, 7 encontram-se em controle clínico por período de 6 meses a 4 anos, com boa evolução. Todos demonstraram redução progressiva do aneurisma, após a cirurgia, tendo, em alguns casos, ocorrido desaparecimento completo do mesmo.The authors report their experience with 14 patients who underwent correction of aneurysms of the aortic arch and descending thoracic aorta, utilizing a technique based on aortic exclusion. The approach was accomplished with an ascending abdominal aortic by-pass, and the aneurysm was isolated with a ligature of the aorta above and below it. In 5 patients, this ligature was done with staplers. Six patients died in the immediate post-operative period, mainly from preoperative clinical condition related to acute aortic dissection of the descending thoracic aorta. Severn patients have been followed from 6 months to 4 years and all of them showed a progressive reduction of the aneurysmal sac.

  18. Effect of hyperthermia on experimental acute pancreatitis Efeito da hipertermia na pancreatite aguda experimental

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    José Luiz Jesus de Almeida

    2006-12-01

    Full Text Available BACKGROUD: Recent studies indicate that hyperthermia can change inflammatory mechanisms and protect experimental animals from deleterious effects of secretagogue-induced acute pancreatitis AIM: To evaluate the effects of hyperthermia post-treatment on cerulein-induced acute pancreatitis in rats METHODS: Twenty animals were divided in two groups: group I (n = 10, rats with cerulein-induced acute pancreatitis undergone hyperthermia, and group II (n = 10, animals with cerulein-induced acute pancreatitis that were kept normothermic. In all groups, amylase serum levels, histologic damage, vascular permeability and pancreatic water content were assessed. Acute pancreatitis was induced by administration of two cerulein injections (20 mcg/kg. A single dose of Evans' blue dye was administered along with the second dose of cerulein. All animals also received a subcutaneous injection of saline solution. After this process, animals undergone hyperthermia were heated in a cage with two 100 W lamps. Body temperature was increased to 39.5ºC and maintained at that level for 45 minutes. Normothermia rats were kept at room temperature in a second cage RESULTS: Control animals had typical edema, serum amylase activity and morphologic changes of this acute pancreatitis model. Hyperthermia post-treatment ameliorated the pancreatic edema, whereas the histologic damage and the serum amylase level remained unchanged CONCLUSIONS: The findings suggest a beneficial effect of the thermal stress on inflammatory edema in experimental acute pancreatitis.RACIONAL: Estudos recentes indicam que a hipertermia pode modificar mecanismos inflamatórios e proteger animais experimentais dos efeitos deletérios da pancreatite aguda induzida por secretagogos OBJETIVO: Avaliar a eficácia da hipertermia como tratamento da pancreatite aguda induzida por ceruleína em ratos MÉTODOS: Vinte animais foram divididos em dois grupos: grupo I (n = 10, ratos com pancreatite aguda induzida por

  19. Manifestacoes orais decorrentes da quimioterapia em criancas portadoras de leucemia linfocitica aguda

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Everton Freitas de Morais

    2014-01-01

    Full Text Available Introdução: A leucemia linfocítica aguda é um dos tipos de câncer mais comuns em crianças e é caracterizada pela produção excessiva e desordenada de leucócitos imaturos na medula óssea. Objetivo: Identificar as manifestações orais mais frequentes em crianças portadoras de leucemia linfocítica aguda sob o tratamento quimioterápico. Metodologia: A pesquisa foi realizada nas bases de dados eletrônicas PubMed/Medline, Science Direct, Scielo e Scopus. Procurou-se por artigos apresentados na íntegra, escritos em português, inglês e espanhol, publicados entre janeiro de 1992 e abril de 2013. Resultados: Dos estudos selecionados primariamente, apenas oito atenderam aos critérios de inclusão. A população avaliada foi um grupo de crianças portadoras de leucemia linfócitica aguda. Todos os estudos realizaram exames intraorais para o diagnóstico das lesões bucais. De acordo com os resultados, as lesões mais frequentes foram mucosite, candidíase, periodontite e gengivite. A condição de saúde bucal dos portadores de leucemia linfócitica aguda variou de acordo com a higiene bucal do paciente. Conclusão: Pacientes com LLA podem apresentar alguma lesão na cavidade oral durante ou após o início da quimioterapia. O cirurgião dentista necessita reconhecer as manifestações orais e intervir na saúde bucal do paciente com LLA, contribuindo e auxiliando no seu tratamento.

  20. O papel da fisioterapia respiratória na bronquiolite viral aguda = Role of chest physiotherapy in acute viral bronchiolitis

    OpenAIRE

    Luisi,Fernanda

    2008-01-01

    Objetivos: revisar a literatura médica sobre o uso da fisioterapia respiratória em crianças com bronquiolite viral aguda Fonte de dados: revisão, a partir do banco de dados PubMed, Medline e LILACS, de artigos publicados em revistas científicas nacionais e internacionais, bem como dos livros texto mais importantes publicados nos últimos anos Síntese dos dados: a bronquiolite viral aguda é uma infecção muito freqüente em crianças. Apesar da baixa morbidade, representa aproximadamente 75%...

  1. Aspectos disautonômicos da porfiria aguda intermitente: a propósito de seis casos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Charles P. Tilbery

    1979-06-01

    Full Text Available Foram estudados seis casos de porfiria aguda intermitente, sendo enfocados os aspectos disautonômicos apresentados durante a longa permanência hospitalar dos doentes (média de 64 dias. Foram observados taquicardia sinusal e hipertensão arterial (4 casos, parada cardíaca (3 casos e depressão respiratória (5 casos. Os autores tecem comentários a propósito da fisiopatologia destas alterações e chamam a atenção sobre o prognóstico sombrio da porfiria aguda intermitente.

  2. Análise da atividade da enzima conversora da angiotensina na hipertrofia aguda do ventrículo direito em modelo experimental de estenose endovascular ajustável do tronco pulmonar

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    RABELLO Renato Rocha

    2001-01-01

    Full Text Available INTRODUÇÃO: A bandagem do tronco pulmonar (TP tem sido aplicada para treinamento do ventrículo esquerdo (VE em pacientes portadores de transposição das grandes artérias (TGA com septo íntegro. Este procedimento, além de apresentar alta morbi-mortalidade, pode ocasionar alterações da função ventricular a longo prazo. Com o objetivo de analisar a hipertrofia aguda do ventrículo direito (VD, foi implantado um cateter balão no TP de seis cabritos jovens. MATERIAL E MÉTODOS: A sobrecarga sistólica foi aplicada através de insuflações progressivas do balão, durante 96 horas. Esta hipertrofia foi acompanhada por medidas hemodinâmicas diárias, através de cateteres implantados na aorta, VD e TP, além de ecocardiogramas seriados a cada 24 horas, com medidas das espessuras do septo interventricular e dos ventrículos. Ao final das 96 horas, os animais foram mortos para remoção dos corações. Os ventrículos e o septo foram pesados separadamente. Foram colhidas biópsias musculares de cada câmara para análise da atividade da enzima conversora da angiotensina (ECA. Oito cabritos (idade e peso semelhantes foram utilizados como controle para os pesos dos ventrículos e para a atividade da ECA. RESULTADOS: Observou-se um aumento do gradiente VD/TP (p=0,001, com conseqüente aumento da razão VD/VE (p=0,005 durante o tempo de sobrecarga sistólica. Ao fim do protocolo, a parede livre do VD apresentou aumento de espessura (p=0,002 e, conseqüentemente, um aumento do peso indexado (p=0,002. A análise da atividade da ECA revelou aumento somente no músculo do VD hipertrofiado (p=0,002. CONCLUSÃO: O cateter balão foi eficiente em induzir a hipertrofia aguda do VD através do protocolo utilizado. Conseqüentemente, um aumento expressivo da atividade da ECA está associado ao processo de hipertrofia miocárdica induzida por sobrecarga pressórica.

  3. Pancreatite aguda em pediatria: revisão sistemática da literatura

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Eduardo Mekitarian Filho

    2012-04-01

    Full Text Available OBJETIVO: Descrever os principais aspectos epidemiológicos, clínicos, diagnósticos e do tratamento de crianças com pancreatite aguda. FONTES DOS DADOS: Realizada revisão sistemática das bases de dados MEDLINE e SciELO nos últimos 5 anos sobre pancreatite aguda em crianças, bem como consultadas referências relevantes dos textos obtidos. SÍNTESE DOS DADOS: Os casos de pancreatite aguda em crianças recebem crescente atenção nos últimos anos, sendo verificado um aumento na incidência da doença em diversos estudos. As principais etiologias em crianças envolvem doença biliar, pancreatite secundária a medicamentos, pancreatite hereditária recorrente e trauma, sendo até 30% dos casos sem etiologia definida. O diagnóstico baseia-se na combinação de aspectos clínicos, laboratoriais com elevação das enzimas acinares e testes radiológicos. Tratamento de suporte inicial, com reposição volêmica adequada e correção dos distúrbios metabólicos, além de terapêutica nutricional específica, são os pontos fundamentais no manejo dos quadros agudos. Complicações a longo prazo são incomuns, e as taxas de mortalidade, inferiores às da população adulta. CONCLUSÃO: O diagnóstico precoce e o manejo apropriado podem contribuir para a melhor evolução da criança com pancreatite e prevenir as complicações imediatas e tardias relacionadas à doença. Mais estudos são necessários para melhor elucidar aspectos relacionados ao diagnóstico clínico e radiológico da pancreatite em crianças, bem como aspectos da terapêutica nutricional nessa faixa etária.

  4. O mosaico patogênico da pancreatite aguda grave The pathogenic mosaic of severe acute pancreatitis

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Márcio Cavalcante Carneiro

    2004-12-01

    Full Text Available A pancreatite aguda tem sido alvo de grandes discussões que vão desde o entendimento de sua fisiopatologia até a investigação de novas modalidades terapêuticas. Reconhece-se que a necrose pancreática e a falência orgânica múltipla - mormente associadas à infecção - representam os principais fatores determinantes da evolução para o óbito, mas, apesar dos grandes avanços em seu estudo, a doença permanece como um desafio para o clínico e o cirurgião. Deste modo, um melhor conhecimento dos mecanismos envolvidos em sua fisiopatologia pode ser a chave para um tratamento mais eficaz, principalmente em relação às formas graves, cuja letalidade ainda encontra-se substancialmente elevada. Baseado nestas considerações, o presente trabalho tem por objetivo a revisão bibliográfica da fisiopatologia, dos fatores patogênicos envolvidos na história natural da pancreatite aguda grave e dos eventos associados à síndrome da resposta inflamatória sistêmica e à sepse, esboçando-se assim o mosaico patogênico desta importante condição.Acute pancreatitis has been the objective of discussion, principally regarding its physiopathology and treatment. It is recognized that pancreatic necrosis, infections and multiple organ dysfunction are associated with high mortality. This disease remains a challenge for physicians and surgeons. However, a better understanding of evolved mechanisms may be the key for an appropriated treatment, principally for severe forms of disease in which mortality remains elevated. This study reviews the physiopathology and natural history of severe acute pancreatitis, and its association to SIRS and sepsis.

  5. Cirurgia da aorta descendente e tóraco-abdominal com técnica de oclusão proximal isolada da aorta ("open distal" Surgical treatment of descending thoracic and thoracoabdominal aorta with the "open distal" technique

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Bayard Gontijo Filho

    1995-09-01

    Full Text Available O presente relato apresenta a experiência obtida em um período de 4 anos (jan/91 - jan/95 com a técnica "open distal" descrita por Cooley, em 1990³, para tratamento cirúrgico de doenças da aorta torácica descendente e aorta tóraco-abdominal. Nesse período foram realizadas 35 operações (25 para aorta descendente e 10 para aorta tóraco-abdominal. Os aneurismas de origem degenerativa e as dissecções aórticas ocorreram em freqüência semelhante (48,5% e 40%, respectivamente; em 8 pacientes havia rotura da aorta, parcialmente tamponada pelo pulmão (5 casos, órgãos abdominais (2 casos e esófago (1 caso. O acesso cirúrgico foi obtido por toracotomia póstero-lateral esquerda ou tóraco-freno-laparotomia. Heparina foi usada na dose de 1,5 mg/kg e todo sangue do campo cirúrgico foi coletado a um reservatório e reinfundido pela veia femoral. Houve 4 (11.4% óbitos hospitalares e 2 (5,8% pacientes portadores de aneurisma tóraco-abdominal desenvolveram paraplegia. A morbi-mortalidade do grupo foi diretamente relacionada à condição clínica per-operatória e à extensão do segmento aórtico acometido. Na nossa opinião, a técnica "open distal" é um método alternativo simples e eficaz no tratamento cirúrgico das doenças da aorta descendente e tóraco-abdominal. Em casos de ressecções extensas com períodos longos de oclusão aórtica, métodos para proteção medular deverão ser avaliadosSince Jan/91 we have been using the "open distal" technique (ODT described by Cooley, for surgical treatment of diseases of the descending thoracic and thoracoabdominal aorta. From jan/91 to jan/95, the technique was used in 35 instances (25 for descending aorta and 10 for thoracoabdominal aorta. Degenerative aneurysms and aortic dissections had similar incidence in this group (48.5% and 40.0%, respectively. In 8 patients the aorta was ruptured which was partially occluded by the lung (5 cases, abdominal organs (2 cases and esophagus (1

  6. Comportamento da síndrome coronariana aguda: resultados de um registro brasileiro

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Leopoldo Soares Piegas

    2013-06-01

    ão ajudar a promover um melhor planejamento e manejo do atendimento da síndrome coronariana aguda a nível público e privado.

  7. Manejo da asma aguda em adultos na sala de emergência: evidências atuais

    OpenAIRE

    Dalcin, Paulo de Tarso Roth; Perin,Christiano

    2009-01-01

    Asma é uma doença com uma alta prevalência em nosso meio e ao redor do mundo. Embora novas opções terapêuticas tenham sido recentemente desenvolvidas, parece haver um aumento mundial na sua morbidade e mortalidade. Em muitas instituições, as exacerbações asmáticas ainda se constituem em uma emergência médica muito comum. As evidências têm demonstrado que o manejo da asma aguda na sala de emergência concentra decisões cruciais que podem determinar o desfecho desta situação clínica. Nesta revis...

  8. Reconstrução da aorta com conduto de pericárdio bovino corrugado

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Claudio A. Salles

    1998-04-01

    Full Text Available No período de outubro de 1989 a maio de 1997, 40 pacientes portadores de dissecção aórtica, aneurisma da aorta, coarctação da aorta ou doença oclusiva aorto-ilíaca foram submetidos a reconstrução da aorta utilizando-se conduto de pericárdio bovino corrugado processado em glutaraldeído. A reconstrução total da aorta ascendente com substituição da valva aórtica e reimplante das artérias coronárias foi realizada em 9 pacientes, a simples substituição da aorta ascendente em 6, aorta torácica descendente em 2, arco aórtico em 1, aorta toracoabdominal em 1 e a aorta abdominal foi reconstruída em 21, incluindo pacientes submetidos a reconstrução aorto-ilíaca ou aorto-femoral. A mortalidade hospitalar foi de 8 (20% pacientes e as causas de óbito foram baixo débito cardíaco, recidiva da dissecção aórtica, falência de múltiplos órgãos e sangramento. O seguimento total foi de 128,4 pacientes-anos, com um seguimento médio de 4 anos por paciente. Complicações tardias relacionadas ao conduto vascular foram observadas em 4 pacientes, incluindo obstrução de um dos ramos do tubo bifurcado utilizado para reconstrução aorto-femoral e infecção em 3, resultando em degeneração secundária do conduto e formação de pseudo-aneurisma. Os 4 pacientes foram submetidos a reoperações, correspondendo a uma incidência de 3,1% ± 1,6% por paciente/ano. Ocorreram 5 óbitos tardios e as causas foram morte súbita, doença coronariana, pneumonia, septicemia e complicações metabólicas resultantes de diabetes e insuficiência renal crônica, correspondendo a uma incidência de 3,9% ± 1,7% por paciente/ano. A sobrevida atuarial em 9 anos foi 61,5% ± 9,2%, incluindo a mortalidade cirúrgica e a sobrevida atuarial livre de degeneração tissular estrutural primária do conduto biológico foi de 100%. O corrugamento do pericárdio, resultante da incorporação do princípio crimping utilizado nas próteses vasculares sint

  9. Cirurgia conservadora da endocardite bacteriana aguda da valva tricúspide Conservative operation for bacterial endocardites of the tricuspide valve

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Iseu Affonso da Costa

    1988-08-01

    Full Text Available É relatado o caso de 1 paciente que apresentou endocardite aguda da valva tricúspide pós-aborto, cujo agente causal era o S. aureus. Como não houvesse resposta favorável ao tratamento antibiótico (gentamicina, vancomicina e oxacilina, optou-se pela intervenção, vinte dias após a internação. Foi praticada excisão de uma vegetação única e do tecido valvar adjacente, na comissura ântero-posterior e plicatura anular. O resultado foi favorável, com cura clínica. O exame ecocardiográfico confirmou a presença da vegetação no pré-operatório e o funcionamento conservado da valva, após a plastia. O tratamento cirúrgico, com retirada do tecido infectado e preservação da valva constitui uma alternativa aplicável a certos casos de endocardite aguda das valvas atrioventriculares.One case of acute bacterial endocarditis of the tricuspid valve caused by S. aureus and following a septic abortion is presented. Surgical treatment was indicated after failure of antibiotics. Operation consisted of excision of a large vegetation adherent to the anterior and posterior cusps at the commisure and of the affected valvar tissue. Annular plicature at the segment corresponding to the posterior cuspid was employed to maintain competence. Clinical result was very satisfactory with resolution of sepsis. Dopplerecocardiography revealed the presence of the vegetation before the operation and showed a small regurgitation after valvoplasty. Conservative operation upon the atrioventricular valves must be kept in mind as an alternative in the treatment of acute bacterial endocarditis.

  10. O papel da fisioterapia respiratória na bronquiolite viral aguda = Role of chest physiotherapy in acute viral bronchiolitis

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luisi, Fernanda

    2008-01-01

    Conclusões: mesmo que não existem evidências diretas, a fisioterapia respiratória tem sido utilizada na bronquiolite aguda com objetivo de desobstrução, higiene brônquica, prevenção de atelectasias e recrutamento alveolar, podendo contribuir para diminuição da resistência das vias aéreas, promover melhor ventilação-perfusão e diminuir o trabalho ventilatório pela remoção do excesso de muco. São necessários estudos clínicos randomizados, controlados e cegados, que avaliem as técnicas mais modernas, para que se possa definir o papel da fisioterapia respiratória no tratamento da bronquiolite viral aguda

  11. Tratamento cirúrgico dos aneurismas toracoabdominais da aorta Surgical treatment of thoracoabdominal aortic aneurysms

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Januário M Souza

    1991-04-01

    Full Text Available Foram operados, em nosso Serviço, 161 aneurismas da aorta, sendo 99 por dissecção e 62 por outras causas. Em cinco pacientes, os aneurismas eram de localização toracoabdominal, sendo três por degeneração aterosclerótica e dois por dissecção; três pacientes eram do sexo feminino e a idade variou de 31 a 71 anos. Dois pacientes submeteram-se a aneurismectomia previamente (um da aorta ascendente e outro da porção proximal da aorta torácica. Revascularização miocárdica foi feita em um paciente, 40 dias antes da aneurismectomia. A indicação em todos os pacientes foi dor, causada por compressão do aneurisma, sendo que, em dois, havia insuficiência respiratória associada. Todos os pacientes foram operados através de incisão toracoabdominal e abertura do diafragma. A aorta foi substituída por tubo de Dacron, desde sua porção proximal até sua bifurcação, e as artérias viscerais foram implantadas no tubo. Quatro pacientes foram operados com pinçamento da aorta; um paciente necessitou emprego de circulação extracorpórea e parada circulatória, por impossibilidade de pinçamento da aorta junto à artéria subclávia. Todos os pacientes sobreviveram ao ato cirúrgico, ocorrendo dois óbitos no pós-operatório, um subitamente no 12º dia e outro por coma neurológico secundário a parada cardíaca causada por hipoxia.Five patients have been operated on of thoracoabdominal aortic aneurysms. The mean age was 53 years (range 31-71 and three were women. All the patients were symptomatic, three of them had arteriosclerotic aneurysms, and the other two had dissecting aneurysms. Three patients had been operated on previously. The exposure of aneurysm was made through a thoracoabdominal incision, in four patients clamps were placed above and below the aneurysm and it was incised longitudinally. Bypass between left atrium and left femoral artery with hypothermia and circulatory arrest was used in the other patients, since the

  12. Ramos colaterais parietais e terminais da aorta abdominal em Myocastor coypus (nutria Terminal and parietal colateral branches of the abdominal aorta in Myocastor coypus (nutria

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Paulete de Oliveira Vargas Culau

    2008-08-01

    Full Text Available Neste estudo, utilizaram-se 30 nutrias, 15 fêmeas e 15 machos, com o sistema arterial aórtico-abdominal preenchido com látex 603, pigmentado em vermelho, e fixado em uma solução aquosa de formaldeído a 20%. A aorta abdominal emitiu de sua superfície dorsal de 6 a 8 artérias lombares únicas. Das artérias renais, direita e esquerda, originaram-se as artérias frênico-abdominal para irrigar parte do diafragma e da parede abdominal lateral cranial. A aorta abdominal lançou dorsalmente, a artéria sacral mediana, cranialmente a sua bifurcação em artérias ilíacas comuns. As artérias ilíacas comuns, ramos terminais da aorta abdominal, originaram as artérias ilíacas interna e externa. A artéria ilíaca interna distribuiu-se nas vísceras da cavidade pélvica. A artéria ilíaca externa emitiu uma artéria umbilical e, antes de alcançar o anel femoral, lançou a artéria circunflexa ilíaca profunda para a parede abdominal lateral, em seus dois terços caudais. A artéria ilíaca externa lançou o tronco pudendo-epigástrico, que originou a artéria epigástrica caudal, para a parede abdominal ventral e a artéria pudenda externa, que saiu pelo canal inguinal, para irrigar a genitália externa. Os ramos parietais diretos da aorta abdominal foram as artérias lombares e a artéria sacral mediana, enquanto as artérias frênico-abdominal, circunflexa ilíaca profunda e epigástrica caudal, foram ramos colaterais parietais indiretos. Os ramos terminais da artéria aorta abdominal foram as artérias ilíacas comuns com seus ramos, as artérias ilíacas interna e externa.For this study it was used 30 nutria, 15 females and 15 males, with its abdominal aorta system full filled with latex 603, stained in red, and fixed in an aqueous solution of formaldehyde 20%. The abdominal aorta emitted from its dorsal surface 6 to 8 single lumbar arteries. From the renal arteries, left and right, it has been originated the phrenicoabdominal arteries

  13. Controvérsias no manejo farmacológico da asma aguda infantil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Amantéa Sérgio Luís

    2002-01-01

    Full Text Available Objetivos: apresentar uma revisão acerca de questões controversas, relativas ao manejo farmacológico utilizado nos pacientes pediátricos portadores de asma aguda. Fontes dos dados: foram utilizadas informações de artigos publicados em revistas científicas nacionais e internacionais, selecionadas das bases de dados Lilacs e Medline. Síntese dos dados: o artigo foi estruturado em tópicos, apresentando aspectos consensuais no tratamento farmacológico da asma infantil. Questões relacionadas à utilização de inaladores dosimetrados versus nebulizadores, o papel das drogas ß2-adrenérgicas utilizadas pela via endovenosa, bem como das metilxantinas e do sulfato de magnésio, são abordados de maneira crítica. Conclusões: os ß2-agonistas administrados pela via inalatória, associados aos coricosteróides, permanecem o tratamento de eleição para episódios agudos de asma na população pediátrica. Tanto os nebulizadores quanto os inaladores dosimetrados, acoplados a espaçadores, são efetivos para alívio dos sintomas agudos. Pacientes refratários ao tratamento convencional, que evoluem para quadros de asma aguda grave, devem ter considerada a utilização de drogas ß2-agonistas pela via endovenosa, desde que adequadamente monitorizados. Quanto às metilxantinas e ao sulfato de magnésio, devem ser considerados alternativas secundárias para pacientes selecionados.

  14. Avaliação do posicionamento da aorta em pacientes com escoliose idiopática do adolescente

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Guilherme Augusto Foizer

    2013-01-01

    Full Text Available OBJETIVO: Avaliar o posicionamento da aorta em pacientes com escoliose. MÉTODOS: Foram realizados exames de imagem em pacientes ambulatoriais com escoliose idiopática do adolescente e em um grupo formado por pacientes hígidos, sendo analisados seis parâmetros: comprimento do corpo vertebral, largura, distância aorta-corpo, diâmetro da aorta, distância aorta-canal e ângulo corpo-aorta. RESULTADOS: As curvas variaram entre T3 e L2 com ângulos de Cobb de 46° e 114°. Pela classificação de Lenke os tipos 1AN e 1BN ocorreram em 20% dos casos, além de 1CN, 3BN, 3C+ com 13,3 % e 1B+, 3C- com 6,7 %. As vértebras próximas ao ápice da curva no grupo escoliose apresentam valores superiores às do grupo controle (em T8 com média de 86,93° no grupo escoliose e média 49,07 no grupo controle (p < 0,0001. CONCLUSÃO: Quanto mais próximo do ápice da deformidade, maior a póstero-lateralização da aorta.

  15. Insufici??ncia renal aguda em pacientes com doen??a glomerular: aspectos histol??gicos e papel da necrose tubular aguda

    OpenAIRE

    Tavares, Maria Brand??o

    2011-01-01

    A insufici??ncia renal aguda ?? comum em pacientes com s??ndrome nefr??tica, podendo requerer terapia de substitui????o renal e ser irrevers??vel. A insufici??ncia renal aguda nesses pacientes pode ser precipitada por processos infecciosos, hipovolemia, drogas nefrot??xicas; entretanto na maioria dos casos a etiologia n??o ?? identificada e a insufici??ncia renal aguda ?? considerada idiop??tica. A necrose tubular aguda foi associada ?? insufici??ncia renal aguda em adultos com les??o m??nima...

  16. A importancia da medida do indice de resitencia nas arterias arqueadas para odiagnostico da rejeição renal aguda

    OpenAIRE

    Jamal Baracat

    1997-01-01

    Resumo: Foram realizados 86 exames ultra-sonográfícos em 57 pacientes submetidos ao transplante renal, com estudo Doppler. Retrospectivamente, foram analisadas a sensibilidade, a especificidade, o valor preditivo positivo e o valor preditivo negativo da medida do índice de resistência (índice de Pourcelot) nas artérias arqueadas, para o diagnóstico de rejeição renal aguda. Avaliamos dois grupos de pacientes: o primeiro, com evidências clínicas e laboratoriais de disfunção aguda do enxerto,...

  17. Erosão esternal por aneurisma da aorta. Qual o melhor acesso?

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Roberto Gomes de CARVALHO

    2001-03-01

    Full Text Available É descrito o caso de um paciente que apresentava erosão esternal ocasionada por aneurisma da aorta ascendente e hemi-arco aórtico proximal. A via de acesso foi toracotomia bilateral uma vez que a erosão era na parte alta do esterno, empregando-se hipotermia profunda e parada circulatória total. Foi interposto enxerto de pericárdio bovino para correção da aorta ascendente e hemi-arco aórtico proximal e outro enxerto entre o tronco braquicefálico e a parede lateral do enxerto de pericárdio bovino. A artéria descendente anterior foi revascularizada por haver oclusão do óstio da artéria coronária esquerda. Após 3 anos da operação o paciente está assintomático.

  18. Erosão esternal por aneurisma da aorta. Qual o melhor acesso?

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    CARVALHO Roberto Gomes de

    2001-01-01

    Full Text Available É descrito o caso de um paciente que apresentava erosão esternal ocasionada por aneurisma da aorta ascendente e hemi-arco aórtico proximal. A via de acesso foi toracotomia bilateral uma vez que a erosão era na parte alta do esterno, empregando-se hipotermia profunda e parada circulatória total. Foi interposto enxerto de pericárdio bovino para correção da aorta ascendente e hemi-arco aórtico proximal e outro enxerto entre o tronco braquicefálico e a parede lateral do enxerto de pericárdio bovino. A artéria descendente anterior foi revascularizada por haver oclusão do óstio da artéria coronária esquerda. Após 3 anos da operação o paciente está assintomático.

  19. Study of acute hepatotoxicity of Equisetum arvense L. in rats Estudo da hepatotoxicidade aguda da Equisetum arvense L. em ratos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Nilo César do Vale Baracho

    2009-12-01

    Full Text Available PURPOSE: To evaluate the acute hepatotoxicity of Equisentum arvense L. in rats. METHODS: Fifty Wistar rats were used, these being divided in four groups, one being the control (receiving only water and the other groups receiving graded doses of Equisentum arvense L. (30, 50, and 100mg/kg respectively for 14 days. Blood samples were obtained to determine TGO, TGP, FA, DHL and GT-gamma activities. After that, hepatic tissue samples were collected for the anatomopathologic analysis. RESULTS: The anatomopathologic exam of the hepatic tissue showed organ with preserved lobular structure. In the same way, there was no significant change in the seric activities of the hepatic enzymes when compared to control group. CONCLUSION: The oral treatment with graded doses of Equisentum arvense L. was not able to produce hepatic changes. Further studies are necessary to evaluate the chronic hepatotoxicity of Equisentum arvense L. in rats.OBJETIVO: Investigar a hepatotoxicidade aguda da Equisetum arvense L. em ratos. MÉTODOS: foram utilizados 50 ratos Wistar, os quais foram divididos em quatro grupos, sendo um controle (recebendo apenas água e os outros grupos recebendo doses crescentes de cavalinha (30, 50 e 100mg/Kg, respectivamente por 14 dias. Foram coletadas amostras de sangue para determinação da atividade sérica de TGO, TGP, FA, DHL e gama-GT. Em seguida, foram obtidas amostras de tecido hepático para análise anatomopatológica. RESULTADOS: O exame anatomopatológico de tecido hepático demonstrou órgão com estrutura lobular preservada. Da mesma forma, não houve alteração significativa na atividade sérica das enzimas hepáticas, quando comparado ao grupo controle. CONCLUSÃO: O tratamento com doses crescentes de Equisetum arvense L., não induziu hepatotoxicidade aguda em ratos. Novos estudos são necessários para avaliar a hepatoxicidade crônica de Equisetum arvense L. em ratos.

  20. Screening for abdominal aortic aneurysms Rastreamento de aneurismas da aorta abdominal

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Telmo Pedro Bonamigo

    2003-01-01

    Full Text Available OBJECTIVE AND METHODS: Screening for abdominal aortic aneurysms may be useful to decrease mortality related to rupture. We conducted a study to assess the prevalence of abdominal aortic aneurysms in southern Brazil and to define risk factors associated with high prevalence of this disorder. The screening was conducted using abdominal ultrasound. Three groups were studied: Group 1 - cardiology clinic patients; Group 2 - individuals with severe ischemic disease and previous coronary surgery, or important lesions on cardiac catheterism; Group 3 - individuals without cardiac disease selected from the general population. All individuals were male and older than 54 years of age. The ultrasonographic diagnosis of aneurysm was based on an anteroposterior abdominal aorta diameter of 3 cm, or on an abdominal aorta diameter 0.5 cm greater than that of the supra-renal aorta. RESULTS: A total of 2.281 people were screened for abdominal aortic aneurysms in all groups: Group 1 - 768 individuals, Group 2 - 501 individuals, and Group 3 - 1012 individuals. The prevalence of aneurysms was 4.3%, 6.8% and 1.7%, respectively. Age and cigarette smoking were significantly associated with increased prevalence of aneurysms, as was the diagnosis of peripheral artery disease. DISCUSSION: We concluded that screening may be an important tool to prevent the mortality associated with abdominal aortic aneurysms surgery. Additionally, the cost of screening can be decreased if only individuals presenting significant risk factors, such as coronary and peripheral artery disease, smokers and relatives of aneurysm patients, are examined.OBJETIVO E MÉTODOS: O rastreamento de aneurisma da aorta abdominal infra-renal é importante pois pode diminuir a mortalidade relacionada à ruptura. Realizamos um estudo para definir a prevalência desses aneurismas em diversos segmentos da população em nossa região do Brasil. O rastreamento foi realizado utilizando-se a ecografia de abdômen. Tr

  1. Avaliação da reprodutibilidade da tomografia computadorizada no estadiamento da pancreatite aguda Reproducibility in the assessment of acute pancreatitis with computed tomography

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Edison de Oliveira Freire Filho

    2007-12-01

    Full Text Available OBJETIVO: Medir a reprodutibilidade da tomografia computadorizada sem e com contraste na avaliação da gravidade da pancreatite aguda. MATERIAIS E MÉTODOS: Cinqüenta e um exames de tomografia computadorizada abdominal sem e com contraste de pacientes com pancreatite aguda foram analisados por dois radiologistas (observadores 1 e 2. Calculamos o índice morfológico pela tomografia computadorizada sem e com contraste, separadamente, e o índice de gravidade da tomografia computadorizada para pancreatite aguda. Medimos a reprodutibilidade intra- e interobservador da tomografia computadorizada através do índice kappa (kapa. RESULTADOS: Para a concordância interobservador obtivemos kapa de 0,666, 0,705, 0,648, 0,547 e 0,631 para índice morfológico sem e com contraste, presença de necrose pancreática, extensão da necrose pancreática e índice de gravidade da tomografia computadorizada, respectivamente. Para a concordância intra-observador dos observadores 1 e 2 obtivemos, respectivamente, kapa de 0,796 e 0,732 para o índice morfológico sem contraste; 0,725 e 0,802 para o índice morfológico com contraste; 0,674 e 0,849 para a presença de necrose pancreática; 0,606 e 0,770 para a extensão da necrose pancreática; e 0,801 e 0,687 para o índice de gravidade da tomografia computadorizada. CONCLUSÃO: O estadiamento da pancreatite aguda pela tomografia computadorizada por meio do índice morfológico e do índice de gravidade da tomografia computadorizada é um método bastante reprodutível. O não-uso do contraste não afeta a reprodutibilidade da tomografia computadorizada para o cálculo do índice morfológico.OBJECTIVE: To evaluate the reproducibility of unenhanced and contrast-enhanced computed tomography in the assessment of patients with acute pancreatitis. MATERIALS AND METHODS: Fifty-one unenhanced and contrast-enhanced abdominal computed tomography studies of patients with acute pancreatitis were blindly reviewed by two

  2. Origem anômala da artéria pulmonar direita em aorta ascendente (hemitruncus Anomalous origin of right pulmonary artery from ascending aorta (hemitruncus

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ivan Romero Rivera

    1998-05-01

    Full Text Available A origem da artéria pulmonar direita em aorta ascendente é uma anomalia congênita rara, com poucos casos descritos na literatura. Descrevemos dois casos desta malformação, um associado à interrupção de arco aórtico tipo B. Em ambos, o diagnóstico foi realizado mediante ecocardiografia bidimensional, com confirmação angiográfica em um. A origem da artéria pulmonar direita era próxima à valva aórtica, anomalia patogeneticamente diferente da origem perto da artéria inominada.The origin of the right pulmonary artery from the ascending aorta is a rare congenital anomaly, with very few reports in the literature. We describe two cases of this rare malformation, one of them, associated with interruption of the aortic arch (type B. In both cases, the diagnosis was made by two-dimensional echocardiography, with angiographic confirmation in one of them. The origin of the right pulmonary artery was close to the aortic valve, anomaly pathogenetically distinct from the type that arises close to the innominate artery.

  3. Implante subvalvar do anel da prótese no tratamento cirúrgico dos aneurismas da aorta ascendente

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Albert Amin SADER

    1997-07-01

    Full Text Available Descreve-se modificação técnica da operação de Bentall e DeBono, para substituição completa da aorta ascendente e valva aórtica. Consiste na passagem de pontos separados em U, sucessivamente, no anel de fixação da prótese e no anel da valva aórtica. A posição subvalvar do anel protético, assim obtida, facilita o reimplante dos óstios coronários, sobretudo quando se encontram pouco deslocados, distalmente, como nos pequenos aneurismas. Além disso, a anastomose proximal tubo-aórtica, resulta mais segura. Quinze pacientes portadores de aneurisma da aorta ascendente foram operados por essa técnica: 14 com próteses separadas e 1 com tubo valvado. Com uma exceção, nos demais foi possível fazer o reimplante direto dos óstios coronários na prótese tubular. Ocorreram 2 óbitos hospitalares não relacionados à técnica. Os outros 13 pacientes foram seguidos por períodos variáveis de 72 dias a 109 meses, não se constatando qualquer disfunção da prótese valvar em avaliações clínicas e ecocardiográficas. Destes, 2 faleceram após 6 e 40 meses, de causa ignorada e dissecção de aneurisma toracoabdominal, respectivamente.A techinical modification of the Bentall and DeBono operation for treatment of ascending aorta aneurysm is presented. The subvalvular insertion of the prosthesis sewing ring is accomplished, passing interrupted U sutures, consecutively in the sewing ring and in the native aortic valve annulus. As a result, direct reimplatation of the coronary arteries to the graft is simplified, particularly when the coronary ostia presents little or no cephalad displacement, as is usually the case in small aneurysms. In addition, it provides a more secure proximal anastomosis. Fifteen patients were operated on by this technique. In all but one, the coronary ostia were reattached to the vascular prosthesis. There were two hospital deaths not related to the technique. The 13 survivors were followed from 72 days to 109

  4. Paraplegia aguda por compressão da medula espinhal torácica causada por tofo gotoso

    OpenAIRE

    2007-01-01

    O acometimento axial pela gota é um evento raro, e o envolvimento da coluna torácica foi descrito em apenas 17 casos na literatura. Apresentamos um caso de paciente do sexo masculino de 48 anos com história de gota, sob tratamento irregular com alopurinol e colchicina, que desenvolveu paraplegia aguda decorrente de compressão medular por tofo gotoso. Realizou-se o diagnóstico por meio de ressonância magnética e anatomia patológica. Foi tratado com antiinflamatórios e descompressão cirúrgica c...

  5. Surto de toxoplasmose aguda transmitida através da ingestão de carne crua de gado ovino

    OpenAIRE

    Bonametti Ana Maria; Passos Joselina do Nascimento; Silva Edina Mariko Koga da; Bortoliero André Luiz

    1997-01-01

    Os autores apresentam 17 casos de toxoplasmose aguda sintomática adquirida pela ingestão de carne crua de carneiro, servida em uma festa à qual todos os pacientes compareceram. Em relação ao quadro clínico, o período de incubação da doença variou de 6 a 13 dias (10,9 ± 7,0) e 16 (94,5%) pacientes apresentaram febre, cefaléia, mialgia, artralgia e adenomegalia (cervical ou cervical/axilar). Outros sinais clínicos encontrados foram: hepatomegalia em 6 pacientes, esplenomegalia em 4 e exantema e...

  6. Efeito da hipertermia na pancreatite aguda grave experimental Effects of hyperthermia on experimental severe acute pancreatitis

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maurício Gustavo Ieri Yamanari

    2007-02-01

    Full Text Available OBJETIVO: O objetivo deste estudo é avaliar os efeitos da hipertermia na pancreatite aguda (PA grave experimental induzida por ácido taurocólico. MÉTODO: A PA grave foi induzida pela injeção retrógrada de ácido taurocólico a 2,5% ou 5% no ducto pancreático principal. Após a indução, os animais foram colocados numa gaiola contendo duas lâmpadas de 100 W. A temperatura corporal foi aumentada para 39,5ºC e mantida neste nível por 45 minutos. Foram estudados taxa de mortalidade em 72 horas, permeabilidade vascular no pâncreas, porcentagem de água no tecido pancreático, amilase sérica, histologia (edema, necrose acinar e infiltrado inflamatório e níveis séricos de IL-6 e IL-10. RESULTADOS: Não houve alteração em nenhum dos parâmetros avaliados. CONCLUSÃO: Não há benefício da hipertermia na PA grave experimental induzida por ácido taurocólico.OBJECTIVE: The aim of this study is to evaluate the effects of hyperthermia post-treatment on taurocholate-induced severe acute pancreatitis (AP in rats. METHOD: Severe AP was induced by retrograde injection of 2,5% or 5% taurocholate solution into the main pancreatic duct. After the AP induction, animals were heated in a cage with two 100 W lamps. Body temperature was increased to 39ºC and maintained at that level for 45 minutes. 72-hours mortality rate, amylase serum levels, histology (edema, acinar necrosis and inflammatory infiltrate, vascular permeability, pancreatic water content and serum levels of IL-6 and IL-1 were determinated. RESULTS: Hyperthermia post-treatment on severe AP showed no evidence of alteration in all evaluated parameters. CONCLUSION: The findings suggest no beneficial effect of the thermal stress on inflammatoy edema and mortality rate in taurocholate AP model.

  7. Ultra-sonografia da aorta abdominal e de seus ramos em cães Ultrasonography of abdominal aorta and its branches in dogs

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Lilian Kamikawa

    2007-04-01

    Full Text Available O ultra-som bidimensional e o ultra-som Doppler foram utilizados para avaliar a biometria e a hemodinâmica da aorta abdominal e artérias ilíacas externas de 131cães clinicamente normais. Os resultados da avaliação biométrica da aorta abdominal indicaram um diâmetro médio de 0,80cm para o seu segmento diafragmático (AOD; 0,74cm para o seu segmento caudal às artérias renais (AOR e 0,69cm para o segmento cranial à sua bifurcação (AOT. A artéria ilíaca externa direita (AIED apresentou o diâmetro médio de 0,42cm e a artéria ilíaca externa esquerda (AIEE o diâmetro médio de 0,39. O estudo hemodinâmico da aorta abdominal apresentou velocidade de pico sistólico médio de 104,00cm/s para AOR; 99,61cm/s para AOT; 85,47cm/s para AIED e 99,51cm/s para AIEE. Verificaram-se correlações de diferentes intensidades entre os diâmetros vasculares em diferentes pontos de tomadas e os fatores biométricos corpóreos (CRL. Correlações baixas foram observadas quando esses diâmetros foram confrontados com a idade.A duplex ultrasound system incorporating a pulsed wave Doppler ultrasound probe with conventional B-mode real-time imaging was used to evaluate the biometric and the hemodynamic of abdominal aorta and external iliac arteries of a hundred and thirty one normal dogs. Results of biometrics of abdominal aorta, presented a mean diameter of 0.80cm in its diaphragmatic segment (AOD; 0.74cm in its segment caudal to the renal arteries (AOR and 0.69cm in the segment cranial to its termination (AOT. The right-external-iliac artery (AIED presented a mean diameter of 0.42cm and the left-external iliac artery (AIEE a mean diameter of 0.39cm. The hemodynamic study of the abdominal aorta presented a medium systolic peak velocity to AOR of 104cm per sec.; to AOT of 99.61cm per sec.; to AIED of 85.47cm per sec. and to AIEE of 99.51cm per sec. Correlations of different intensities between the vascular diameters have been verified between the

  8. Manifestacoes orais decorrentes da quimioterapia em criancas portadoras de leucemia linfocitica aguda

    OpenAIRE

    Everton Freitas de Morais; Jadson Alexandre da Silva Lira; Romulo Augusto de Paiva Macedo; Klaus Steyllon dos Santos; Cassandra Teixeira Valle Elias; Maria de Lourdes Silva de Arruda Morais

    2014-01-01

    Introdução: A leucemia linfocítica aguda é um dos tipos de câncer mais comuns em crianças e é caracterizada pela produção excessiva e desordenada de leucócitos imaturos na medula óssea. Objetivo: Identificar as manifestações orais mais frequentes em crianças portadoras de leucemia linfocítica aguda sob o tratamento quimioterápico. Metodologia: A pesquisa foi realizada nas bases de dados eletrônicas PubMed/Medline, Science Direct, Scielo e Scopus. Procurou-se por artigos apresentados ...

  9. Reação histopatológica da parede da aorta abdominal ao stent não recoberto Histopathological reaction of the abdominal aorta wall to non-covered stents

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rubio Bombonato

    2006-06-01

    Full Text Available OBJETIVO: Avaliar a reação histopatológica da parede aorta abdominal, em suínos, no nível das artérias renais, na presença de stent metálico não recoberto. MÉTODO: Foi estudada histopatologicamente a aorta abdominal de 10 suínos, com peso médio de 86,6 quilos e idade média de 6 meses, submetidos a implante de stent metálico posicionado na aorta, no nível das artérias renais, após 100 dias do implante. Os stents foram liberados por auto-expansão com laparotomia. Os cortes histológicos foram realizados nos seguintes locais: 1 transição entre a aorta normal e aorta contendo stent; 2 aorta contendo o stent; 3 porção contendo os óstios das artérias renais, 4 linfonodos periaórticos e, 5 parênquima renal. As lâminas foram coradas pela técnica da hematoxilina e eosina. RESULTADOS: Os achados macroscópicos revelaram: linfonodomegalia periaórtica; espessamento da parede aórtica; artérias lombares e renais pérvias; estrutura anatômica renal normal. Análises microscópicas, próximas aos stents, evidenciaram espessamento da parede vascular, secundário à fibrose intimal e camada média comprometida com fibrose intersticial. Medidas micrométricas da parede aórtica com o stent, comparada à aorta sem o stent, apresentaram aumento da espessura da parede (75,9% por hiperplasia da camada íntima secundária à proliferação de fibroblastos; depósitos de colágeno com infiltrado inflamatório e granulomas do tipo corpo estranho. CONCLUSÃO: O stent de aço inoxidável descoberto, implantado na aorta de suínos, produziu importante reação inflamatória, com fibrose nas camadas média e íntima, evidenciada pelas análises histopatológicas e a sua presença não comprometeu o estado pérvio da aorta e dos ramos lombares e renais.OBJECTIVE: To evaluate the histopathological reaction of the abdominal aorta wall in pigs' renal arteries to the presence of non-covered stainless steel stents. METHODS: The abdominal aorta of

  10. Molecular basis of Acute Myelogenous Leukemia As bases moleculares da leucemia mielóide aguda

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Eduardo M. Rego

    2002-01-01

    Full Text Available Acute Myelogenous Leukemia (AML is frequently associated with recurring chromosomal translocations, which lead to the fusion of two genes encoding transcription factors. As the moieties of these fusion proteins retain part of the functional domains of the wild-type proteins, they may interfere directly or indirectly with the transcriptional regulation of the leukemic cell, conferring survival advantage. The majority of the transcription factors commonly involved in recurring chromosomal translocations may be grouped in one of the following families: core binding factor (CBF, retinoic acid receptor alpha (RARalpha, homeobox (HOX family, and mixed lineage leukemia (MLL. In vivo analysis of the molecular basis of leukemogenesis through the generation of transgenic mouse models revealed that a common theme is the recruitment of transcriptional co-activators and co-repressors by these fusion proteins. However, the expression of the fusion protein is not sufficient to induce full blown leukemia, as evidenced in part by the long latencies required for disease development in the transgenic models of leukemia, and therefore, second mutagenic events may contribute to AML pathogenesis.A leucemia mielóide aguda (LMA está freqüentemente associada a translocações cromossômicas recorrentes. Em muitos casos, os genes presentes nos pontos de quebra cromossômica são conhecidos e, quase todos codificam para fatores de transcrição. O gene híbrido, resultante da justaposição de exons de genes distintos, codifica para proteínas de fusão. Como estas retêm a maior parte dos domínios funcionais das proteínas selvagens, elas interferem direta ou indiretamente com regulação da transcrição gênica, conferindo vantagem à sobrevivência das células leucêmicas. A maioria dos fatores de transcrição afetados pelas translocações cromossômicas associadas a LMA pode ser agrupada numa das seguintes famílias: dos core binding factors (CBF, do receptor

  11. Aspectos tomográficos da órbita aguda infecciosa: revisão de literatura

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ana Célia Baptista Koifman

    2014-04-01

    Full Text Available As doenças que acometem a órbita de forma aguda e não traumática por vezes não são conhecidas por médicos em centros de emergência. Essas condições são decorrentes de diversos fatores, como desordens imunológicas, congênitas, infecciosas, vasculares, entre outras. As causas infecciosas correspondem a mais de 50% de todos os casos e requer rápido diagnóstico e conduta para minimização de sequelas. A tomografia computadorizada (TC é o exame de imagem de primeira linha nesses casos, sendo geralmente disponível nos centros de emergência e capaz de fornecer auxílio diagnóstico de forma rápida, precisa e eficaz. Esse artigo de revisão visa descrever os principais aspectos tomográficos da órbita aguda infecciosa, correlacionando-os com os dados da literatura.

  12. Tratamento cirúrgico da coarctação de aorta pela aortoplastia trapezoidal Surgical treatment of coarctation of the aorta using trapezoidal aortoplasty

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Jarbas Jakson Dinkhuysen

    2004-01-01

    Full Text Available OBJETIVO: A aortoplastia trapezoidal é uma variante técnica da anastomose término-terminal que, amparada em elementos da geometria, objetiva aumentar o diâmetro da aorta ao nível da sutura reduzida e, consequentemente, a manutenção de gradientes pressóricos residuais ou recorrentes indesejáveis a curto e a longo prazo. MÉTODOS: Após a ressecção da área coarctada e tecido ductal, são confeccionados em cada coto aórtico 3 trapezóides que, ao serem confrontados, criam linha de sutura com aspecto sinusoidal (zigue-zague. Foram operados por esta técnica 33 pacientes, a maioria homens, com idades variando de 3 meses a 36 anos (m 9,5 ± 9,7. RESULTADOS: Não ocorreu mortalidade imediata ou tardia e o tempo de evolução a longo prazo foi de 1,1 a 7,6 anos (m 3,6 ± 3,4. A maioria dos pacientes ficou assintomática com níveis normais de pressão arterial, possibilitando a descontinuação da terapêutica antihipertensiva (pOBJECTIVE: Trapezoidal aortoplasty is a technical variant of end-to-end anastomosis, which, based on elements of geometry, aims at increasing the diameter of the aorta at the level of the suture, therefore reducing the occurrence of residual or recurrent pressure gradients in the short and long run. METHODS: After resecting the coarcted area and ductal tissue, 3 trapezoids are confected in each aortic stump, which, when confronted, create a suture line with a sinusoidal aspect (zigzag. Thirty-three patients underwent surgery with this technique, 22 (66.7% males, with ages ranging from 3 months to 36 years (mean of 9.84 ± 9.69. RESULTS: No immediate or late deaths occurred. Follow-up ranged from 1.1 to 7.6 years (mean of 3.6 ± 3.4. Most patients became asymptomatic with normal blood pressure levels, enabling the discontinuation of antihypertensive therapy (P<0.0001. A significant reduction in the pressure gradients was observed on Doppler echocardiography and during cardiac catheterization (P<0.001. The analysis of

  13. Avaliação da dor aguda em mulheres sujeitas a histeroscopia diagnóstica em regime de ambulatório

    OpenAIRE

    Oliveira, AM; F. Ferreira; Dantas, F

    2015-01-01

    Objetivos Avaliar a dor aguda em utentes sujeitas a histeroscopia diagnóstica em regime de ambulatório no Hospital Fernando Fonseca. Contribuir para a definição de estratégias de redução da intensidade da dor aguda na realização de histeroscopias diagnósticas em regime de ambulatório. Introdução: A dor é uma experiência única, pessoal e subjectiva. Segundo a circular normativa n.º 11/DSCS/DPCD de 18 de Junho de 2008 da Direcção Geral da Saúde (DGS)o controlo da dor deve ser encarad...

  14. Oclusão arterial aguda por derivados da ergotamina Acute arterial occlusion caused by ergotamine derivatives

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Edison Barreto de Souza

    2009-09-01

    Full Text Available Os derivados da ergotamina compõem diversas drogas amplamente utilizadas no tratamento de ataques agudos de migrânea. A intoxicação por estas substâncias resulta geralmente de sua administração crônica, promovendo sintomas secundários ao espasmo arterial e à consequente isquemia distal. Neste artigo, é relatado o caso de uma paciente de 47 anos com diagnóstico de oclusão arterial aguda em membros inferiores secundária ao uso de derivados da ergotamina. Após a suspensão da droga e a prescrição de anticoagulantes, vasodilatadores e antiagregante plaquetário, a paciente evoluiu com melhora da dor, da parestesia e com o retorno da coloração normal e dos pulsos distais em membros inferiores.Ergotamine derivatives include several drugs widely used in the treatment of acute migraine attacks. Intoxication by these substances generally results from chronic administration, promoting symptoms secondary to arterial spasm and the consequent distal ischemia. The authors report the case of a 47-year old patient with acute arterial occlusion in lower limbs secondary to the use of ergotamine derivatives. After drugs were suspended and anticoagulants, vasodilators and antiplatelet drugs were prescribed, the patient progressed with improvement of pain, paresthesia and return of normal skin color and distal pulses in lower limbs.

  15. Uso do sulfato de magnésio venoso para tratamento da asma aguda grave da criança no pronto-socorro

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Tânia Mara Baraky Bittar

    2012-03-01

    Full Text Available A asma aguda grave é uma emergência médica que deve ser diagnosticada e tratada rapidamente. O tratamento inicial inclui broncodilatadores e corticosteróides sistêmicos. Em casos graves, com fraca resposta ao tratamento padrão, o sulfato de magnésio venoso surge como opção terapêutica. O objetivo deste artigo foi revisar a literatura sobre o uso do sulfato de magnésio venoso na asma aguda em crianças no pronto-socorro no que se refere a eficácia, indicação, dosagem, efeitos adversos e contraindicações. Realizada revisão narrativa por meio das Bases de dados Medline, Lilacs e Cochrane Database of Systmatic Reviews, entre 2000 e 2010. Utilizados os descritores: asthma, children, emergency, magnesium sulfate. Incluídos oito ensaios clínicos controlados, três meta-análises, um estudo retrospectivo, oito artigos de revisão e um estudo transversal. A eficácia do magnésio venoso em crianças foi observada por vários autores, com raros efeitos adversos. Seu uso foi indicado para os pacientes com asma aguda moderada e grave que não responderam ao tratamento inicial com broncodilatador e corticosteróide. As contraindicações em pediatria são poucas. Entre elas estão insuficiência renal e bloqueio atrioventricular. Existem poucos relatos da interação do magnésio com drogas de uso pediátrico. Apesar da segurança, na prática, o magnésio venoso é pouco usado na asma aguda em pediatria. Na maioria das vezes, é indicado tardiamente para impedir falência respiratória e internação na unidade de cuidados intensivos. Os estudos demonstram que o magnésio venoso é uma droga eficaz e segura na criança com asma aguda grave, porém o seu uso no pronto-socorro ainda é limitado.

  16. Estratégias de prevenção da lesão renal aguda em cirurgia cardíaca: revisão integrativa

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Eduesley Santana-Santos

    2014-04-01

    Full Text Available A lesão renal aguda é uma complicação frequente após cirurgia cardíaca, estando associada ao aumento de morbidade e mortalidade, e ao maior tempo de permanência em unidade de terapia intensiva. Considerando a alta prevalência e a associação da lesão renal aguda com o pior prognóstico, o desenvolvimento de estratégias de proteção renal torna-se indispensável, especialmente em pacientes com alto risco para o desenvolvimento de lesão renal aguda, como aqueles submetidos à cirurgia cardíaca, com o intuito de minimizar a incidência da lesão renal aguda no âmbito hospitalar, reduzindo, dessa forma, a alta morbimortalidade. A presente revisão integrativa teve por objetivo avaliar as evidências disponíveis na literatura sobre as intervenções mais eficazes na prevenção da lesão renal aguda em pacientes submetidos à cirurgia cardíaca. Para seleção dos artigos, utilizaram-se as bases de dados CINAHL e MedLine. A amostra desta revisão constituiu-se de 16 artigos. Após a análise dos artigos incluídos na revisão, os resultados dos estudos apontaram que apenas a hidratação com solução salina apresenta resultados consideráveis na prevenção de lesão renal aguda. As demais estratégias são controversas e necessitam de mais pesquisas para comprovar eficácia.

  17. Surto de toxoplasmose aguda transmitida através da ingestão de carne crua de gado ovino

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Bonametti Ana Maria

    1997-01-01

    Full Text Available Os autores apresentam 17 casos de toxoplasmose aguda sintomática adquirida pela ingestão de carne crua de carneiro, servida em uma festa à qual todos os pacientes compareceram. Em relação ao quadro clínico, o período de incubação da doença variou de 6 a 13 dias (10,9 ± 7,0 e 16 (94,5% pacientes apresentaram febre, cefaléia, mialgia, artralgia e adenomegalia (cervical ou cervical/axilar. Outros sinais clínicos encontrados foram: hepatomegalia em 6 pacientes, esplenomegalia em 4 e exantema em 2. Um paciente apresentou quadro clínico de corioretinite, confirmada através de exame oftalmológico. Todos os pacientes apresentavam títulos séricos de anticorpos específicos (IgG e IgM que evidenciavam fase aguda de toxoplasmose, pela Reação de Imunofluorescência Indireta. Todos os pacientes foram tratados especificamente e houve boa resposta clínica e laboratorial ao tratamento.

  18. Infecção de prótese vascular em cirurgia da aorta torácica: revisão da experiência e relato de caso tratado por técnica não convencional Vascular prosthesis infection in thoracic aorta surgery: review of the experience and a case report illustrating treatment with an unconventional technique

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ronaldo Ducceschi Fontes

    2004-03-01

    Full Text Available Relatamos o caso de uma paciente de 37 anos de idade, que há cinco anos havia sido submetida à operação de Bental-de Bono em nosso serviço e retornou com dor de forte intensidade no toráx, sendo diagnosticada dissecção aguda de aorta do tipo III e tratada clinicamente. Um ano após esse episódio houve expansão dessa dissecção e a paciente foi submetida à cirurgia com interposição de prótese de dacron em aorta descendente. No pós-operatório imediato houve broncopneumonia esquerda e a paciente recebeu alta em boas condições e afebril. Após um mês da alta, retornou com febre e toxemia. Com diagnóstico de empiema pleural, foi submetida à toracotomia exploradora que não confirmou esse diagnóstico, havendo apenas intenso espessamento pleural. Quatro meses após a toracotomia exploradora, foram isolados Klebsiella pneumoniae e Enterobacter sp na hemocultura. A ressonância magnética revelou imagens compatíveis com infecção peri-prótese. Com esse quadro clínico e laboratorial foi indicada a remoção do enxerto e derivação axilo-bifemoral. A operação foi realizada com sucesso, a paciente recebeu alta em boas condições e continua fazendo controle ambulatorial e, atualmente, encontra-se com 57 meses de evolução sem complicações. São discutidos os métodos empregados para o diagnóstico e tratamento da infecção de prótese na cirurgia da aorta torácica.We report the case of a 37-year-old-female patient who had undergone a Bentall procedure at our service and returned with intense chest pain and acute aortic dissection type III, which was diagnosed and clinically treated. One year after this episode, this dissection expanded, and the patient underwent surgery with interposition of a Dacron graft in the descending aorta. In the immediate postoperative period, the patient experienced left bronchopneumonia and was discharged afebrile and in good condition. One month after discharge, she returned with fever and

  19. Tratamento de aneurismas da parte torácica da aorta pela introdução de "stents" sob visão endoscópica

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    José Honório PALMA

    1998-01-01

    Full Text Available Tratamento de paciente com dois aneurismas saculares da aorta descendente, utilizando dois "stents" distintos, manufaturados sob medida tanto em comprimento quanto em diâmetro. Inseridos sob visão endoscópica com aparelho da marca "Olimpus" esterilizado com óxido de etileno, através de abertura na croça da aorta. O procedimento foi realizado por esternotomia mediana, com circulação extracorpórea, em hipotermia profunda e parada circulatória total. A manipulação endoscópica da aorta descendente, sem sangue, permitiu a identificação dos dois aneurismas, assim como a visão dos ramos principais da aorta e a inserção com expansão , na posição exata, dos dois "stents". A evolução pós- operatória foi satisfatória, sendo que este procedimento, inédito, abre uma nova perspectiva no tratamento dos aneurismas torácicos, toracoabdominais e abdominais.This is a case report of a patient with two saccular aneurysms in the thoracic descending aorta. Treatment consisted of the positioning, through an opening in the aortic arch under deep hipothermia and total circulatory arrest, of two auto expandable stents, guided an Olympus endoscope. The bloodless field made possible the identification of the main thoracic and abdominal aortic branches facilitating the positioning and expansion of both stents. Immediate postoperative recovery was excellent. This is a previously unreported way of placing stents and could open a new perspective in the treatment of thoraco, abdominal and thoracic abdominal aortic aneurysms.

  20. Características genéticas da leucemia promielocítica aguda de novo

    OpenAIRE

    2009-01-01

    Geneticamente, a leucemia promielocítica aguda (LPA) caracteriza-se por alterações cromossômicas estruturais recorrentes, na grande maioria das vezes translocações, envolvendo sempre o lócus gênico para o receptor alfa do ácido retinoico (RARα) localizado no braço longo do cromossomo 17 (17q21), levando à formação de genes quiméricos e oncoproteínas de fusão. Em aproximadamente 98% dos casos, o gene RARα se encontra fusionado com o gene PML resultante da translocação cromossômica re...

  1. Sintomas de pacientes antes da primeira hospitalização por Síndrome Coronariana Aguda

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Carina Aparecida Marosti Dessotte

    2011-10-01

    Full Text Available Este estudo objetivou caracterizar os pacientes quanto ao relato da presença de sintomas de dor torácica, dispneia e limitação das atividades diárias uma semana antes da primeira hospitalização por Síndrome Coronariana Aguda, segundo a forma de apresentação clínica, e compará-las. Estudo transversal, descritivo e correlacional. Utilizou-se um instrumento de avaliação clínica que investigou a presença e a gravidade dos sintomas de dispneia, precordialgia e restrição física decorrentes da isquemia do miocárdio. Com relação à limitação para realização de atividades físicas, pacientes com diagnóstico de angina instável mostraram maior comprometimento na semana que antecedeu a internação, assim como relataram a presença de dispneia e precordialgia com maior frequência do que os pacientes infartados em situações que vão desde realizarem grandes esforços como, por exemplo, caminhar na subida ou muito rápido no plano, até situações de repouso ou de pequenos esforços.

  2. Reoperação da valva mitral minimamente invasiva sem pinçamento da aorta

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rodrigo Milani

    2013-09-01

    Full Text Available INTRODUÇÃO: Reoperações da valva mitral apresentam maior índice de complicações quando comparadas com a primeira cirurgia. Com o domínio das técnicas videoassistidas para as primeiras cirurgias da valva mitral, os casos de reoperações passaram a despertar interesse para esses procedimentos menos invasivos. OBJETIVO: Analisar os resultados e as dificuldades técnicas da retroca valvar mitral minimamente invasiva em 10 pacientes. MÉTODO: A circulação extracorpórea foi instalada por meio de colocação de cânulas femorais e cânula na veia jugular interna direita, conduzida em 28 graus de temperatura em fibrilação ventricular. Realizada toracotomia lateral direita com 5 a 6 cm no terceiro ou quarto espaço intercostal. Pericárdio foi descolado apenas na região do átrio esquerdo no ponto da atriotomia. A aorta não foi pinçada. RESULTADOS: Foram avaliados 10 pacientes com idade média de 56,9±10,5 anos. Quatro encontravam-se em ritmo de fibrilação atrial e 6 em ritmo sinusal. O tempo médio entre a primeira operação e a reoperações foi de 11 ± 3,43 anos. O EuroSCORE médio do grupo foi de 8,3 ± 1,82. O tempo médio de fibrilação ventricular e de circulação extracorpórea foi respectivamente 70,9 ± 17,66 min e 109,4 ± 25,37 min. O tempo médio de internamento foi de 7,6 ± 1,5 dias. Não houve óbitos nessa série. CONCLUSÃO: A reoperação da valva mitral pode ser feita por meio de técnicas menos invasivas com bons resultados imediatos e baixa morbimortalidade. Entretanto, esse tipo de cirurgia requer maior tempo de circulação extracorpórea, especialmente nos casos em que o paciente já tenha uma prótese. A presença de uma mínima insuficiência aórtica também torna esse procedimento tecnicamente mais desafiador.

  3. Associação da catastrofização da dor com a incidência e a intensidade da dor perineal aguda e persistente após parto normal: estudo longitudinal tipo coorte

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Anne Danielle Santos Soares

    2013-08-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: O parto vaginal pode resultar em dor perineal aguda e persistente pósparto. Este estudo avaliou a associação da catastrofização, fenômeno de má adaptação psicológica à dor que leva o indivíduo a magnificar a experiência dolorosa, tornando-a mais intensa, com a incidência e a intensidade da dor perineal e sua relação com o trauma perineal. MÉTODO: Estudo coorte. Realizado com gestantes em trabalho de parto. Foi aplicada a escala de pensamentos catastróficos sobre a dor durante o internamento e foram avaliados o grau da lesão perineal e a intensidade da dor perineal nas primeiras 24 horas e após oito semanas do parto por meio da escala numérica de dor. RESULTADOS: Avaliadas 55 mulheres. Sentiram dor aguda 69,1% das pacientes. Dessas, 36,3% queixaram-se de dor de moderada/forte intensidade e 14,5% de dor persistente. O escore médio de catastrofização foi de 2,15 ± 1,24. As pacientes catastrofizadoras apresentaram um risco 2,90 vezes maior (95% IC: 1,08-7,75 de apresentar dor perineal aguda e 1,31 vezes maior (95% IC: 1,05-1,64 de desenvolver dor perineal persistente. Também apresentaram um risco 2,2 vezes maior de desenvolver dor perineal aguda de maior intensidade (95% IC: 1,11-4,33. CONCLUSÕES: A incidência de dor perineal aguda e persistente após parto vaginal é alta. Gestantes catastrofizadoras apresentam maior risco de desenvolver dor perineal aguda e persistente, como também dor de maior intensidade. O trauma perineal aumentou o risco de ocorrência de dor perineal persistente.

  4. Abordagem supraclavicular da artéria subclávia direita para estabelecimento de circulação extracorpórea nas doenças da aorta

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    FABRI Hélio Antônio

    2002-01-01

    Full Text Available OBJETIVO: Estabelecer a circulação extracorpórea através de canulação da artéria subclávia direita por meio de incisão supraclavicular. MÉTODO: Foram estudados, no período de outubro de 2001 a março de 2002, quatro pacientes com diagnóstico de dissecção aguda de aorta tipo A de Stanford, sendo realizada em todos os casos canulação da artéria subclávia direita por via supraclavicular e realização de perfusão cerebral anterógrada durante o período de parada circulatória total. RESULTADOS: A artéria subclávia direita foi canulada diretamente e não houve nenhuma complicação neurovascular relacionada ao procedimento. A circulação extracorpórea foi mantida com fluxo adequado durante toda a operação. Houve 1 óbito hospitalar, não relacionado ao procedimento. DISCUSSÃO: Um dos passos mais importantes na melhora dos resultados operatórios é a perfusão sistêmica anterógrada, realizada através do sistema arterial e a subclávia para isso permite a perfusão da luz verdadeira. A abordagem supraclavicular nos proporciona um campo operatório adequado e facilidade para a realização da perfusão cerebral anterógrada que também é importante neste arsenal para uma redução da mortalidade operatória. CONCLUSÃO: A incisão supraclavicular nos proporciona um acesso factível com boa exposição da artéria subclávia direita em uma região em que ela apresenta um bom calibre e com poucas estruturas adjacentes que poderiam ser lesadas. Além disso, possibilita a canulação de forma direta e com boa posição da cânula arterial.

  5. Daño pulmonar agudo relacionado con la transfusión (Trali y Bartonelosis aguda

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Douglas López de Guimaraes

    2006-07-01

    Full Text Available Se presenta el caso de un varón de 22 años procedente de la periferia de la ciudad de Huaraz, Perú, que acude al Hospital "Victor Ramos Guardia" de Huaraz con un tiempo de enfermedad de 14 días, febril, pálido e ictérico, en el frotis de sangre periférica se encuentran formas bacilares de Bartonella bacilliformis en 99% de la lámina; se inicia tratamiento antibiótico con ceftriaxona y ciprofloxacino. Al día siguiente se le indica transfusión de dos paquetes globulares (puesto que tenía 6,2 g/dL de Hb, dos horas después presenta dolor toráxico, tos seca exigente, vómitos, dificultad respiratoria y cianosis, en la auscultación se encuentran roncantes y crepitantes, la radiografía de tórax muestra infiltrado alveolar difuso a predominio derecho. Es trasladado a la UCI donde recibe oxígeno con máscara de reservorio, dopamina, corticoides y se inicia el monitoreo hemodinámico; responde en forma satisfactoria, sale de alta con frotis negativo a Bartonella bacilliformis. Es el primer caso de daño pulmonar agudo relacionado con la transfusión (TRALI asociado con Bartonelosis aguda con cuadro clínico - radiológico y evolución compatible, es importante distinguir entre la complicación pulmonar debido a la sepsis grave por Bartonelosis aguda, que puede producir un cuadro clínico similar y el TRALI.

  6. Tratamento endovascular da coarctação da aorta: relato de caso Endovascular treatment of aortic coarctation: a case report

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Aquiles Tadashi Ywata de Carvalho

    2012-03-01

    Full Text Available A coarctação da aorta é uma malformação cardiovascular congênita de elevada prevalência. É caracterizada por um estreitamento da aorta torácica, geralmente logo abaixo da artéria subclávia esquerda. É mais frequente no sexo masculino na razão de 2 a 3:1. O quadro clínico habitualmente é composto por hipertensão arterial em membros superiores e diminuição de pulsos em membros inferiores. Tradicionalmente, o tratamento proposto é cirúrgico, mas a técnica endovascular vem sendo descrita com bons resultados. Relatamos um caso de um paciente do sexo masculino, 24 anos, quadro clínico de claudicação dos membros inferiores e hipertensão arterial sistêmica difícil de controlar há sete anos, com diagnóstico de coarctação da aorta sem outras malformações associadas. O tratamento endovascular foi realizado através de angioplastia da coarctação e implante de endoprótese vascular.Aortic coarctation is a congenital cardiovascular malformation of high prevalence. Implies a narrowing of the thoracic aorta usually just below the left subclavian artery. It is more common in males in a ratio of 2 to 3:1. The clinical presentation consists of hypertension in the arms and reduction of pulses in the legs. Traditionally, surgical treatment is indicated, but the endovascular techniques have been proposed with good results. We report a case of a 24 years male patient with claudication of the lower limbs and hypertension secondary to aortic coarctation successfully treated with angioplasty and aortic endograft.

  7. Morphological aspects of mural thrombi deposition residual lumen route in infrarenal abdominal aorta aneurisms Morfologia da deposição de trombos murais: trajeto da luz residual em aneurismas de aorta abdominal infra-renal

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Thiago Adriano Silva Guimarães

    2008-01-01

    Full Text Available PURPOSE: To assess the most frequent deposition site of mural thrombi in infrarenal abdominal aorta aneurisms, as well as the route of the residual lumen. METHODS: Assessment of CT scan images from 100 patients presenting asymptomatic abdominal aorta aneurism, and followed at HC-FMRP-USP. RESULTS: In 53% of the cases the mural thrombus was deposited on the anterior wall; from these, in 22%, the residual lumen described a predominantly right sided route; in 22%, a left sided route; on the mid line in 5%; and crossing over the mid line in 1%. In 23%, the deposition of thrombi was concentric. In 11% it occured on the posterior wall; from these, in 5%, the route of the residual anterior lumen was predominantly right sided; in 5%, left sided; and crossed over the mid line in 1%. In 13% complex morfological deposition patterns were found. CONCLUSION: Mural thrombi formation was predominantly found on the anterior wall of the aneurismatic mass, with the route of the residual lumen projecting towards the posterior wall.OBJETIVOS: Avaliar o local mais freqüente de deposição do trombo mural em aneurismas de aorta abdominal infrarenal, bem como o trajeto da luz residual. MÉTODOS: Avaliação de tomografias de 100 pacientes do HC-FMRP-USP apresentando aneurisma de aorta abdominal assintomático. RESULTADOS: O trombo mural se deposita na parede anterior em 53% dos casos, sendo que a luz residual posterior descreveu um trajeto predominantemente à direita em 22% dos casos, à esquerda em 22%, na linha mediana em 5% e cruzando da direita para a esquerda em 4%. 23% dos casos apresentaram deposição concêntrica do trombo e 11% apresentaram deposição na parede posterior, sendo o trajeto da luz residual anterior predominante a direita em 5% dos casos, a esquerda em 5% e cruzando a linha mediana em 1%. Padrões morfológicos complexos de deposição do trombo foram encontrados em 13% dos casos. CONCLUSÃO: A formação do trombo mural predominou na parede

  8. Alterações ultra-estruturais do hepatocito na forma aguda (toxêmica da esquistossomose mansoni

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Pedro Raso

    1978-12-01

    Full Text Available Os aa. estudaram as alterações ultra-estruturais do hepatócito na forma aguda, toxêmica, da esquístossomose em sete pacientes, membros de uma mesma família, infectatos em idênticas condições em um córrego existente no município de Sabará (MG e não tratados especificamente para a esquistossomose. O estudo vem confirmar a nossa assertiva de que, na esquistossomose, não hâ um ataque direto e sistematizado aos hepatócitos e que as lesões destes são secundárias e decorrem, principalmente, das alterações do sistema vascular estromático. Nos sete casos estudados as alterações ultra-estruturais foram inespecfficas, pouco acentuadas e se caracterizaram sobretudo pelas modificações das organelas citoplasmáticas (dilatação das cisternas do reticulo, apagamento das cristas mitocondriais, desacoplamento de ribossomas, acúmulo de glicogênio. Foi freqüente, também, a presença de lisossomosvolumosos, inclusões e corpos residuais nos hepatócitos Estes achados à microscopia eletrônica espelham o comportamento funcional do hepatócito na vigência da forma aguda, toxêmica, da esquistossomose e explicam o freqüente encontro de células claras à microscopia óptica.The authors study the ultrastructural changes within the hepatocyte in the acute (toxemic form of schistosomiasis. The seven studied patients were all from the same family infected under the same conditions at a creek near Sabara city, state of Minas Gerais, and they did not go under any specific therapy rega rding schistosomiasis. This report confirms our assertive that, there is not a primary and systematical attack directed to hepatocytes and their lesions are subordinated to changes within the stromatic vascular system. The ultrastructural changes found in the seven studied cases were all mild and non-specific and were characterized by citoplasmic organelles changes specially: (dilation of the reticulum's cisterns, effacement of mitochondrias cristae

  9. Fatores preditivos da evolução da asma aguda em crianças Factors predictive of the development of acute asthma attacks in children

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria Luisa Zocal Paro

    2005-10-01

    Full Text Available OBJETIVO: Identificar fatores preditivos da evolução da asma aguda, a partir de características clínicas e funcionais observadas no momento da admissão de crianças em unidade de emergência. MÉTODOS: Este estudo avaliou prospectivamente 130 crianças com asma aguda, na faixa etária de um a treze anos, no momento da admissão e durante a evolução em unidade de emergência, através de escore clínico e medidas de saturação arterial de oxigênio por oximetria de pulso e do pico de fluxo expiratório. RESULTADOS: Os valores iniciais de escore clínico, saturação arterial de oxigênio medida por oximetria de pulso e pico de fluxo expiratório apresentaram correlação com o número de inalações realizadas e a necessidade do uso de corticosteróide. As médias dos valores iniciais de escore clínico e da saturação arterial de oxigênio dos pacientes que foram internados foram estatisticamente diferentes das dos que não foram internados. Os valores iniciais de escore clínico e de saturação arterial de O2 e a existência de atendimento anterior pela mesma exacerbação foram preditivos da necessidade de hospitalização das crianças. CONCLUSÕES: A medida da saturação arterial de O2 e o escore clínico foram úteis para predizer a evolução da asma aguda em crianças. A medida do pico de fluxo expiratório é de difícil obtenção e interpretação nessa condição e demonstrou ter pouca aplicação prática.OBJECTIVE: To use clinical and functional characteristics observed upon admission to an emergency room to identify factors predictive of the occurrence and course of acute asthma attacks in children. METHODS: We prospectively studied 130 asthmatic children, from 1 to 13 years of age, who were treated for acute asthma attacks in an emergency room, evaluating status determined at admission and over the course of the crisis. Clinical scores were determined and arterial oxygen saturation by pulse oximetry was measured, as was

  10. Mecanismos del daño celular en la insuficiencia renal aguda Mechanisms of cell damage in acute renal failure

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    José Martínez

    1989-01-01

    Full Text Available

    Los mecanismos del da no celular en la insuficiencia renal aguda Incluyen alteraciones en la producción de energía, la permeabilidad celular y el transporte de calcio. Dichas alteraciones producen cambios progresivos en la estructura celular que pueden ser reversibles si desaparece la causa que llevó a la falla renal, excepto cuando se alcanza la fase final de la lesión de la membrana y se llega a necrosis celular. Este mismo fenómeno probablemente ocurre tambIén en situaciones clínicas.

    The mechanisms of cellular damage In acute renal failure Include alterations In energy production, cell membrane permeability and calcium transport. These changes lead to progressive damage of the whole cellular structure which In general can be reversible If the precipitating cause disappears, except when the final stages of cell membrane lesion take place and cellular necrosis has occurred. This phenomenon probably applies for the clinical settling as well.

  11. Sumário de atualização da II Diretriz Brasileira de Insuficiência Cardíaca Aguda 2009/2011

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marcelo Westerlund Montera

    2012-05-01

    Full Text Available Nos últimos dois anos, observamos diversas modificações na abordagem diagnóstica e terapêutica dos pacientes com Insuficiência Cardíaca aguda (IC aguda, o que nos motivou quanto à necessidade da realização de um sumário de atualização da II Diretriz Brasileira de Insuficiência Cardíaca Aguda de 2009. Na avaliação diagnóstica, o fluxograma diagnóstico foi simplificado e foi fortalecido o papel da avaliação clínica e ecocardiograma. Na avaliação clínico-hemodinâmica admissional, o ecocardiograma hemodinâmico ganhou destaque no auxilio da definição dessa condição no paciente com IC aguda na sala de emergência. Na avaliação prognóstica, os biomarcadores tiveram seu papel mais bem estabelecido, e a síndrome cardiorrenal teve seus critérios e valor prognóstico mais bem definidos. Os fluxogramas de abordagem terapêutica foram revistos, tornando-se mais simples e objetivos. Dentre os avanços na terapêutica medicamentosa destacam-se a segurança e a importância da manutenção ou introdução dos betabloqueadores na terapêutica admissional. A anticoagulação, de acordo com as novas evidências, ganha um espectro maior de indicações. O edema agudo de pulmão tem bem estabelecido os seus modelos hemodinâmicos de apresentação com suas distintas formas de abordagens terapêuticas, com novos níveis de indicação e evidência. No tratamento cirúrgico da IC aguda, a revascularização miocárdica, a abordagem das lesões mecânicas e o transplante cardíaco foram revistos e atualizados. Este sumário de atualização fortalece a II Diretriz Brasileira de Insuficiência Cardíaca Aguda por mantê-la atualizada e rejuvenescida. Todos os clínicos cardiologistas que lidam com pacientes com IC aguda encontrarão na diretriz e em seu sumário de atualização importantes instrumentos no auxílio da prática clínica para o melhor diagnóstico e tratamento de seus pacientes.

  12. Aspectos clínico-diagnósticos relativos à fase aguda da doença de Chagas, em pacientes submetidos a transplante de rim e imunodeprimidos

    OpenAIRE

    Pedro Renato Chocair; Vicente Amato Neto; Emil Sabbaga; Pedro Henrique Torrecillas

    1985-01-01

    Em sete pacientes submetidos a transplante de rim e imonodeprimidos reconheceram os Autores a ocorrência de doença de Chagas, em fase aguda. Tais eventos permitiram verificações sem dúvida expressivas e, entre elas, afigurou-se conveniente salientar as seguintes: presença de febre como manifestação proeminente; valor elucidativo da pesquisa do Trypanosoma cruzi no "creme" leucocitário em etapa de realização de diagnóstico diferencial, quando escassos os elementos orientadores; utilidade da ev...

  13. Valor prognóstico da glicemia de jejum em pacientes idosos com síndrome coronariana aguda

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Adriane Monserrat Ramos

    2012-03-01

    Full Text Available FUNDAMENTO: O exame da glicose plasmática de jejum (GPJ é preditor de complicações após Síndrome Coronariana Aguda (SCA. No entanto, seu valor prognóstico ainda não está plenamente estabelecido em diferentes faixas etárias. OBJETIVO: Avaliar o papel da glicose plasmática de jejum (GPJ como preditor de evolução, 30 dias após a SCA, e comparar a associação da hiperglicemia com eventos cardiovasculares maiores (ECM: óbito, reinfarto e revascularização, em dois diferentes grupos etários ( 65 anos de idade. MÉTODOS: Coorte contemporânea de pacientes hospitalizados por SCA no Instituto de Cardiologia do Rio Grande do Sul (região sul do Brasil. Nas primeiras 24 horas de internação, os pacientes responderam a um questionário com informações clínicas e foram coletadas amostras de sangue periférico para a medição da GPJ. Os pacientes foram acompanhados durante a internação e por 30 dias para verificar a presença de ECM. A análise estatística foi realizada utilizando o SPSS 15.0 com o teste do qui-quadrado ou Exato de Fisher (variáveis categóricas e o teste t de Student (variáveis numéricas. Análise multivariável foi utilizada para definir preditores independentes. RESULTADOS: 580 pacientes foram incluídos no estudo. A idade média foi 61,2 (± 12,3 anos, com 38,6% dos pacientes (224 com >65 anos de idade, sendo que 67,7% (393 eram do sexo masculino. A análise multivariada mostrou que, após 30 dias de acompanhamento, apenas a GPJ (OR = 1,01, 95% CI: 1,00-1,01, P = 0,001 esteve associada à ECM nas duas faixas etárias. CONCLUSÃO: A GPJ na internação foi preditor independente de ECM na fase precoce da SCA.

  14. Correção endovascular do aneurisma da aorta abdominal: análise dos resultados de único centro

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Eduardo Rafael Novero

    2012-02-01

    Full Text Available OBJETIVO: Avaliar os resultados clínicos imediatos e em médio prazo do tratamento endovascular em pacientes portadores de aneurisma da aorta abdominal em um centro de referência para doenças cardiovasculares. MATERIAIS E MÉTODOS: Estudo retrospectivo de uma série de pacientes submetidos a tratamento endovascular de aneurisma da aorta abdominal, no período de janeiro de 2009 a julho de 2010. Foram avaliados as características demográficas, o sucesso técnico, o sucesso terapêutico, a morbimortalidade, as complicações e a taxa de reintervenções perioperatórias imediatos, e após um ano de acompanhamento. RESULTADOS: Foram analisados 102 pacientes consecutivos com idade média de 72 ± 9 anos, sendo 79% deles do sexo masculino. Houve sucesso técnico em 97,1% e êxito terapêutico em 81% dos casos. A mortalidade perioperatória foi de 0,9% e a anual, de 7,8%. Foram necessárias reintervenções em 18,8% dos pacientes durante o seguimento. CONCLUSÃO: Em nosso estudo, os resultados obtidos justificam a realização desse procedimento nos pacientes com anatomia adequada.

  15. Tratamento farmacológico e interações medicamentosas em pacientes com aneurisma da aorta abdominal

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Heverton Alves Peres

    2015-01-01

    Full Text Available O aneurisma da aorta abdominal (AAA ocorre quando há uma dilatação anormal e irreversível da artéria superior a 50% do calibre esperado para o vaso e associa-se a uma mortalidade de 80 a 90%. O controle dos principais fatores de risco como a hipertensão, dislipidemia, tabagismo e doenças trombóticas em aneurismas pequenos é feito por vários medicamentos que evitam o desenvolvimento e ruptura do aneurisma, no entanto, o uso destes associados a outros medicamentos pode desencadear interações medicamentosas relevantes sendo crucial o conhecimento sobre estas. Atualmente, há poucos dados na literatura sobre o tratamento farmacológico e interações medicamentosas em pacientes com AAA, sendo o objetivo desta revisão, descrever a farmacoterapia e interações medicamentosas em pacientes com AAA.

  16. Características clínicas da fase aguda da infecção experimental de felinos pelo vírus da imunodeficiência felina

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    M.S. Zanutto

    2011-03-01

    Full Text Available A infecção dos felinos pelo Vírus da Imunodeficiência Felina (FIV resulta no desenvolvimento da síndrome de imunodeficiência dos felinos. Gengivite, perda de peso, linfadenomegalia generalizada, anemia, insuficiência renal crônica, complicações neurológicas, diarréia crônica e infecções bacterianas são encontradas frequentemente. A fase aguda da infecção pode ser assintomática, retardando o estabelecimento do diagnóstico e a implantação de medidas profiláticas para restringir o contágio e a transmissão do agente aos felinos suscetíveis. Com a finalidade de estudar as características clínicas da fase aguda da infecção, dez felinos jovens, sem definição racial, com oito meses de idade foram inoculados por via endovenosa com 1mL de sangue venoso de um gato portador do FIV subtipo B. A confirmação da infecção foi obtida através de teste sorológico em quatro e oito semanas pós-inoculação (p.i. e por nested-PCR. Foram realizados hemogramas semanais, exame ultrassonográfico do abdômen quinzenais e exame oftalmológico mensal, durante doze semanas p.i. Discreta tendência a linfopenia na segunda semana p.i. e a neutropenia entre a quinta e sétima semana p.i., febre intermitente em alguns gatos, linfadenomegalia e hepato-esplenomegalia entre a quarta e a 12ª semana p.i. foram as alterações clínicas observadas. Apenas um gato apresentou uveíte unilateral direita. A fase aguda da infecção transcorreu com alterações clínicas inespecíficas. A linfadenomegalia e a hepato-esplenomegalia observadas no decorrer da infecção, refletindo hiperplasia linfóide, sugerem a necessidade de se realizar o teste sorológico para o FIV, em todos os gatos que se apresentarem com essas alterações, o que permitirá o diagnóstico precoce da infecção e a adoção de medidas profiláticas no sentido de minimizar a propagação da infecção.

  17. Racionalidade e métodos do registro ACCEPT - Registro Brasileiro da Prática Clínica nas Síndromes Coronarianas Agudas da Sociedade Brasileira de Cardiologia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luiz Alberto Piva e Mattos

    2011-08-01

    Full Text Available FUNDAMENTO: Aferição da prática clínica brasileira em pacientes com síndrome coronariana aguda, em hospitais públicos e privados, permitirá identificar os hiatos na incorporação de intervenções clínicas com benefício comprovado. OBJETIVO: Elaborar um registro de pacientes portadores do diagnóstico de síndrome coronariana aguda para aferir dados demográficos, morbidade, mortalidade e prática padrão no atendimento desta afecção. Ademais, avaliar a prescrição de intervenções baseadas em evidências, como a aspirina, estatinas, betabloqueadores e reperfusão, dentre outras. MÉTODOS: Estudo observacional do tipo registro, prospectivo, visando documentar a prática clínica hospitalar da síndrome coronária aguda, efetivada em hospitais públicos e privados brasileiros. Adicionalmente, serão realizados seguimento longitudinal até a alta hospitalar e aferição da mortalidade e ocorrência de eventos graves aos 30 dias, 6 e 12 meses. RESULTADOS: Os resultados serão apresentados um ano após o início da coleta (setembro de 2011 e consolidados após a reunião da população e dos objetivos posteriormente almejados. CONCLUSÃO: A análise desse registro multicêntrico permitirá projetar uma perspectiva horizontal do tratamento dos pacientes acometidos da síndrome coronariana aguda no Brasil.

  18. Estudo imunobiológico de estoques de Trypanosoma cruzi isolados de pacientes na fase aguda da doença de Chagas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    T.L. Kipnis

    1983-12-01

    Full Text Available Estoques de tripanossomas isolados de pacientes na fase aguda da doença de Chagas foram injetados em grupos de camundongos albinos não isogênicos nas doses de 10³, 10(4 e 10(5 parasitas/camundongos. O curso da infecção foi seguido por três meses. A pctrasitemia foi em geral baixa, com picos recorrentes, na maioria das vezes os animais evoluiam para cronicidade. Somente um estoque induziu alto índice de mortalidade. Os parasitas e as lesões apesar de detectadas no pico da parasitemia e restritos ao coração estavam ausentes aos três meses. Nesta época os perfis de Igs apresentaram diferenças marcantes. Grupos de animais que foram inoculados com estes estoques foram desafiados com doses letais da cepa Y ou CL. Em alguns casos obteve-se uma parasitemia, mas patente.

  19. Descrição morfológica dos ramos colaterais viscerais da aorta abdominal do macaco-de-cheiro Morphological description of the collateral visceral branches from abdominal aorta of squirrel monkey

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria Rogéria Menezes da Silva

    2011-01-01

    Full Text Available O Saimiri sciureus é um primata não humano existente na região amazônica e não consta na lista de animais em perigo de extinção, de acordo com o IBAMA. Neste trabalho, sistematizou-se os ramos colaterais viscerais da aorta abdominal de seis animais sendo três machos e três fêmeas, os quais tiveram o sistema circulatório preenchido com látex Neoprene, adicionado de contraste radiográfico. O resultado observado foi que a aorta abdominal emitiu ventralmente, como ramo colateral visceral, a artéria celíaca, que se trifurcou nas artérias gástrica esquerda, hepática e lienal. Os ramos da artéria celíaca promovem a irrigação do estômago, duodeno, fígado, pâncreas e baço. A seguir, a aorta abdominal emitiu a artéria mesentérica cranial, de calibre maior que a artéria celíaca e justaposta caudalmente. A artéria mesentérica cranial emitiu ramos que vascularizaram a parte final do duodeno, pâncreas, jejuno, íleo, ceco, cólon maior e cólon menor. A aorta abdominal emitiu lateralmente as artérias renais direita e esquerda. A artéria adrenal esquerda surgiu como um ramo colateral direto da artéria celíaca e a artéria adrenal direita surgiu da artéria renal direita. A artéria mesentérica caudal foi emitida da superfície ventral da aorta abdominal, logo abaixo das artérias renais. Em L6, a aorta abdominal se bifurcou, dando origem às artérias ilíacas externas direita e esquerda e estas deram origem à artéria ilíaca interna e femoral direita e esquerda. As artérias testiculares ou ováricas tiveram origem na artéria ilíaca interna. A continuidade da aorta abdominal deu origem à artéria sacral mediana e a continuidade desta é chamada de artéria caudal mediana. O estudo da espécie em questão é de suma importância para gerar conhecimentos a respeito dos primatas não humanos existentes em nosso país. Dessa forma, pode-se dizer que o Saimiri sciureus é um importante modelo biológico para o

  20. [Curriculum vitae aortae].

    Science.gov (United States)

    Solberg, S

    1998-12-10

    The Greek word aorta means lifter. The vessel was so termed because Aristotle, who first described it, assumed that the heart was lifted by/hanging in aorta. Leonardo da Vinci described the detailed anatomy of aorta. During the 17th century our present understanding of the aorta and the circulation of blood took form due to the descriptions given by William Harvey. The first known operation for abdominal aortic aneurysm was performed in London in 1817 by Sir Astley Cooper who ligated the infrarenal aorta above the aneurysm. Puncture with needles and application of electricity were later tried in order to induce thromboses in the aneurysm. In 1948 Albert Einstein was operated with wrapping of his abdominal aneurysm with cellophane. In 1955 he suffered rupture and died after having refused operation. In 1951 the first successful operation for abdominal aortic aneurysm was performed in Paris by Charles Dubost. With slight modifications, the same operative technique is used today.

  1. Estudo da etiologia das pneumopatias agudas da infância através da aspiração pulmonar transtorácica, São Paulo, Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria De Fátima Da Silva Pinheiro

    1987-08-01

    Full Text Available No período de abril de 1979 a julho de 1980 foram estudadas 45 crianças, de ambos os sexos, na faixa etária de 2 meses a 5 anos de idade, selecionadas entre as atendidas no Instituto da Criança "Pedro Alcântara" do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo, e acometidas de pneumopatias agudas. Dos 45 pacientes estudados, a maioria (46,7% encontrava se na faixa de 2-12 meses de idade e, quanto ao estado nutricional, 42,2% eutróficos e 57,8% desnutridos, variando essa desnutrição do grau I ao grau III. Empregando amostras obtidas por aspiração pulmonar e examinando-as pelo método de coloração de Gram e cultura, foi possível identificar o agente etiológico de 26 (57,7% pneumonias bacterianas nos 45 casos estudados. A identificação direta pelo método de Gram mostrou-se útil como orientação inicial para antibioticoterapia em 44,4% dos casos. Houve nítida predominância do Streptococcus pneumoniae como agente etiológico bacteriano nas pneumopatias agudas da criança nas várias faixas etárias estudadas seguido do Haemophilus influenzae e o Staphylococcus aureus. O estudo comparativo da cultura do aspirado pulmonar e da hemocultura permitiu maior precisão diagnostica (56,7%, revelando-se a hemocultura positiva em apenas 30,0% dos casos. Não foi constatada nenhuma participação de germes anaeróbios nas pneumopatias da amostragem estudada.

  2. Correção de doenças da aorta torácica com utilização de hipotermia profunda e parada circulatória Surgical treatment of thoracic aortic lesions with deep hypothermia and circulatory arrest

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Bayard Gontijo Filho

    1991-04-01

    Full Text Available São apresentados 14 casos de aneurismas e/ou dissecções da aorta torácica submetidos a correção cirúrgica com o emprego de hipotermia profunda e parada circulatória. Entre os 14 pacientes, seis eram portadores de aneurismas da aorta (um de aorta ascendente, três do arco aórtico, um de aorta ascendente + arco aórtico, um de aorta descendente e oito eram portadores de dissecção aórtica. A hipotermia foi induzida gradualmente até atingir 18ºC de temperatura nasofaríngea. O período médio de parada circulatória foi de 35 minutos. Houve quatro óbitos hospitalares, sendo um por problemas hemorrágicos, um por arritmia ventricular pós IAM, um por insuficiência renal aguda já existente no pré-operatório e um por AVC e infecção pulmonar secundária. Dos 10 pacientes, dois apresentaram insuficiência respiratória com assistência ventilatória prolongada e quatro apresentaram distúrbios neurológicos transitórios, com recuperação total. A técnica de hipotermia profunda e parada circulatória mostrou-se como boa alternativa na abordagem cirúrgica de lesões graves da aorta torácica.The authors report 14 cases of aneurysms and/or dissections of the thoracic aorta, treated with deep hypothermia and circulatory arrest. There were 6 aneurysms of the aorta (1 of the ascending aorta, 3 of the aortic arch, 1 of the ascending aorta and aortic arch, 1 of the descending aorta and 8 cases of aortic dissections. The patients were gradually colled down to 18ºC of nasopharingeal temperature. The mean circulatory arrest time was 35 minutes. There were 4 hospital deaths; 1 patient died in the operating room, from persistent surgical bleeding; 1 patient died from acute renal failure, which was already present in the pre-operative period; 1 patient died after an acute myocardial infarction followed by ventricular fibrillation; 1 patient died from pulmonary infection following a carebro-vascular accident. This was the only death directly

  3. Evaluation of the normal thoracic and abdominal aorta diameters by computerized tomography; Avaliacao dos diametros normais da aorta toracica e abdominal pela tomografia computadorizada

    Energy Technology Data Exchange (ETDEWEB)

    Lucarelli, Claudio Luiz

    1995-07-01

    The study was undertaken to evaluate, through computerized tomography, the diameters of the normal thoracic and abdominal aorta, as well as they are connected to gender, age and body surface area; and the ratio between measurements obtained at the ascending and descending limbs of the thoracic aorta, and between the abdominal aortic diameters. For that reason, we measured the widest anteroposterior diameters of the thoracic aortas at the levels of the arch, the root, the pulmonary artery, and the thoracic-abdominal transition, as well as the level of the emergence of the superior mesenteric artery, of the renal hila and just cephalad to the bifurcation of the abdominal aortas of 350 patients without cardiovascular diseases who had undergone computerized tomography of the thorax and/or abdomen for any other reasons. Observation and statistic analyses led us to conclude that: 1) both the thoracic and abdominal aortic diameters are reduced from their proximal to their distal portions; 2) the body surface influences the size of the aorta, although only extreme variations alter the vessel's caliber; 3) vessel diameter was observed to gradually increase with age; 4) men were found to have larger diameters than age matched women; 5) the ratio between the ascending and descending aortic diameters varies according to gender and age; 6) the relations between abdominal aortic diameters measured at the level of renal hila and cephalad to the bifurcation are independent from gender and age. But the relation between those measured at the level of the superior mesenteric artery and cephalad to the bifurcation are linked to gender, but not to age. (author)

  4. O perfil da antiestreptolisina O no diagnóstico da febre reumática aguda Antistreptolysin O titer profile in acute rheumatic fever diagnosis

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Claudia Saad Magalhães Machado

    2001-04-01

    Full Text Available OBJETIVO: estabelecer o perfil dos títulos de ASO, mediante o diagnóstico diferencial da FRA com outras afecções que também cursam com níveis elevados de ASO. MÉTODOS: foram estudados 78 casos de FRA na apresentação e seguimento, 22 de coréia isolada, 45 de infecções orofaringeanas recorrentes (IOR e 23 de artrites idiopáticas juvenis (AIJ, com início ou reativação recente. A determinação seqüencial de ASO (UI/ml foi realizada por ensaio nefelométrico automatizado (Behring®-Germany nos períodos de 0-7 dias, 1-2 semanas, 2-4 semanas, 1-2 meses, 2-4 meses, 4-6 meses, 6-12 meses, 1-2 anos, 2-3 anos, 3-4 anos e 4-5 anos após o diagnóstico. RESULTADOS: os títulos de ASO na fase aguda da FRA apresentaram elevação significante até o intervalo de 2- 4 meses (p 960 UI/ml. CONCLUSÃO: esta reavaliação do perfil da ASO indicou uma resposta exuberante na fase aguda da febre reumática indicou ainda que os seus níveis séricos podem diferenciá-la de outras afecções que também cursam com níveis elevados de ASO, como as infecções orofaringeanas recorrentes ou as artrites idiopáticas juvenis em atividade.OBJECTIVE: to determine ASO titer profile by establishing ARF differential diagnoses of other diseases with high levels of ASO antibodies. METHODS: we investigated 78 patients with ARF at onset and follow-up, 22 with isolated chorea at onset, 45 with recurrent oropharyngeal tonsillitis, and 23 with recent flare of juvenile idiopathic arthritis. We tested ASO with automated particle-enhanced immunonephelometric assay (Behring®-Germany. The ASO (IU/ml titers were assessed at the following time intervals: 0-7 days, 1-2 weeks, 2-4 weeks, 1-2 months, 2-4 months, 4-6 months, 6-12 months, 1-2 years, 2-3 years, 3-4 years, and 4-5 years after onset of ARF. RESULTS: ASO titers in patients diagnosed with ARF had a significant increase up to the 2-4-month time interval (P < 0.0001. Baseline levels were observed afterwards in patients

  5. Tratamento endovascular em paciente portador de coarctação da aorta: relato de caso Endovascular treatment in a patient with aortic coarctation: case report

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Eugênio Carlos Almeida Tinoco

    2007-03-01

    Full Text Available Coarctação da aorta constitui um estreitamento de origem congênita na porção inicial da aorta torácica. Tem incidência de 6 a 8% em nascidos vivos. A apresentação clínica é variada. O tratamento de escolha é o cirúrgico. Relatamos um caso de paciente do sexo feminino de 31 anos, com queixa de dor constrictiva na região cervical, dispnéia e claudicação intermitente em membros inferiores, sendo diagnosticada coarctação da aorta associada a estenose aórtica grave, que foi tratada com combinação das técnicas implantação de stent endovascular e angioplastia por balão.Aortic coarctation is a congenital stenosis in the initial portion of the thoracic aorta. Its incidence ranges between 6-8% of liveborns. Clinical presentations are diversified. The treatment of choice is surgery. We report the case of a 31-year-old female patient with constrictive pain in the cervical region, dyspnea, and intermittent claudication of the lower limbs. She was diagnosed with aortic coarctation associated with severe aortic stenosis, which was treated using a combination of endovascular stent implantation and balloon angioplasty.

  6. Tratamento híbrido das doenças complexas da aorta torácica Hybrid procedures for complex thoracic aortic diseases

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    José Carlos Ingrund

    2010-09-01

    Full Text Available INTRODUÇÃO: O tratamento híbrido das lesões complexas da aorta torácica (LCAT requer a revascularização de uma ou mais artérias supra-aórticas, seguida do implante de endoprótese, com morbidade e mortalidade presumidamente mais baixas que a cirurgia convencional. OBJETIVOS: Avaliar a técnica e resultados do tratamento híbrido das LCAT. MÉTODOS: Durante dois anos, 12 pacientes com LCAT foram submetidos a procedimentos híbridos, incluindo aneurismas do arco aórtico e dissecções aórticas agudas Stanford A e B. Todos possuíam indicação de tratamento invasivo, além de zona de ancoragem proximal inadequada (menor que 20 mm. Metade era do sexo masculino e a média de idade de 55,5 anos (42 a 78. Pelo menos três fatores de risco cardiovascular estavam presentes em 75% dos pacientes. A média de seguimento foi de 10,9 meses (2 a 25, com acompanhamento clínico e tomográfico. RESULTADOS: O sucesso técnico inicial foi alcançado em 10 pacientes. Todas as derivações dos vasos supra-aórticos foram realizadas em ambiente cirúrgico e os procedimentos endovasculares em sala de radiologia vascular. A "técnica do varal" foi empregada em seis casos. Dois óbitos ocorreram nos primeiros 30 dias do procedimento. Nenhuma migração da endoprótese foi observada. Nenhum paciente apresentou paraplegia, acidente vascular cerebral, insuficiência renal, hemorragia ou coagulopatia, conversão cirúrgica eletiva ou de emergência. CONCLUSÃO: O tratamento híbrido das LCAT é viável, especialmente em pacientes de alto risco. Uma adequada integração das técnicas cirúrgica e endovascular, além do acompanhamento clínico e radiológico adequado, tornam esta técnica uma ótima opção à cirurgia convencional.BACKGROUND: Hybrid procedures for the treatment of complex thoracic aortic diseases (CTAD require the revascularization of one or more supra-aortic arteries, followed by the deployment of one or more aortic endoprosthesis, with lower

  7. Manejo da asma aguda em adultos na sala de emergência: evidências atuais Management of acute asthma in adults in the emergency room: current evidence

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Paulo de Tarso Roth Dalcin

    2009-01-01

    Full Text Available Asma é uma doença com uma alta prevalência em nosso meio e ao redor do mundo. Embora novas opções terapêuticas tenham sido recentemente desenvolvidas, parece haver um aumento mundial na sua morbidade e mortalidade. Em muitas instituições, as exacerbações asmáticas ainda se constituem em uma emergência médica muito comum. As evidências têm demonstrado que o manejo da asma aguda na sala de emergência concentra decisões cruciais que podem determinar o desfecho desta situação clínica. Nesta revisão, enfocaremos a avaliação e o tratamento do paciente com asma aguda na sala de emergência, descrevendo uma estratégia apropriada para o seu manejo. Serão consideradas as seguintes etapas: diagnóstico, avaliação da gravidade, tratamento, avaliação das complicações, decisão sobre onde se realizará o tratamento adicional e orientações por ocasião da alta da emergência. Espera-se que estas recomendações contribuam para que o médico clínico tome as decisões apropriadas durante o manejo da asma aguda na sala de emergência.Asthma is a disease with high prevalence in our country and worldwide. Although new therapeutic approaches have been developed recently, there seems to be a global increase in morbidity and mortality from asthma. In many institutions, asthma exacerbation is still a common medical emergency. Clinical evidence demonstrates that management of acute asthma in the emergency room entails crucial decisions that could determine the clinical outcome. In this review, the authors focus on assessment and treatment of patients with acute asthma and outline an appropriate management strategy. Diagnosis, severity assessment, treatment, complications, decision about where additional treatment will take place and orientations on discharge from the emergency will be considered. It is expected that these recommendations will help physicians to make the appropriate decisions about care of acute asthma in the emergency

  8. Do paradigma molecular ao impacto no prognóstico: uma visão da leucemia promielocítica aguda

    OpenAIRE

    2008-01-01

    A leucemia promielocítica aguda (LPA) é um modelo da aplicabilidade clínica dos conhecimentos moleculares fisiopatológicos. Caracteriza-se por alterações genéticas recorrentes que envolvem o gene do receptor alfa do ácido retinóico. A conseqüência é uma proteína com sensibilidade reduzida ao ligante, com bloqueio da diferenciação mielóide. Entretanto, doses suprafisiológicas do ácido all-trans-retinóico (ATRA) são capazes de suplantar esta deficiência, e este é o princípio fundamental do trat...

  9. Semelhança clínico-hematológica inicial da toxoplasmose adquirida, aguda, com febre tifóide

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Vicente Amato Neto

    1985-09-01

    Full Text Available Na fase aguda da toxoplasmose adquirida podem ocorrer anormalidades clínicas e hematológicas semelhantes às que, habitualmente, fazem parte da febre tifóide. Com base em casuística composta por 27 pacientes são salientados esses fatos, constituídos sobretudo por febre, hepatesplenomegalia, leucopenia, desvio neutrofilico à esquerda e aneosinofilia, com subseqüente aparecimento de linfocitose, composta inclusive por linfócitos atípicos. Essas verificações merecem divulgação e atenção, em virtude das implicações de ordem assistencial que envolvem.

  10. Fração de excreção de potássio na evolução da lesão renal aguda em pacientes graves: um potencial marcador a ser monitorizado?

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Alexandre Toledo Maciel

    2014-04-01

    Full Text Available Objetivo: Avaliar o comportamento da fração de excreção de potássio durante a evolução da lesão renal aguda em pacientes graves. Métodos: Foram incluídos 168 pacientes como parte de um estudo maior, no qual avaliamos parâmetros sanguíneos e urinários durante a evolução da lesão renal aguda. Foram coletadas diariamente amostras de sangue e urina até a remoção da sonda vesical ou a necessidade de terapia de substituição renal. Descrevemos a evolução da fração de excreção de potássio conforme a presença ou não de lesão renal aguda, sua duração - transitória ou persistente - e gravidade (com base no estágio Acute Kidney Injury Network - AKIN. Foi também avaliado o desempenho diagnóstico da fração de excreção de potássio no dia do diagnóstico da lesão renal aguda, para prever a sua duração e a necessidade de terapia de substituição renal. Resultados: A fração de excreção de potássio foi significativamente maior na lesão renal aguda persistente do que na transitória no dia do diagnóstico da lesão renal aguda (24,8 versus 13,8%; p<0,001. Ambos os grupos tiveram aumento de sua fração de excreção de potássio mediana nos 2 dias que precederam o diagnóstico de lesão renal aguda. Pacientes que não desenvolveram mantiveram níveis baixos e estáveis de fração de excreção de potássio. A fração de excreção de potássio, no dia do diagnóstico de lesão renal aguda, demonstrou razoável precisão em prever lesão renal aguda persistente (área sob a curva: 0,712; intervalo de confiança de 95%: 0,614-0,811; p<0,001. A área sob a curva para terapia de substituição renal foi de 0,663 (intervalo de confiança de 95%: 0,523-0,803; p=0,03. A fração de excreção de potássio aumentou com o estágio máximo atingido do AKIN, tanto para lesão renal aguda transitória quanto para persistente. Conclusão: A avaliação sequencial da fração de excreção de potássio parece útil em

  11. Modelo experimental de influência dos vasa vasorum na estrutura da parede de aorta abdominal em suínos

    OpenAIRE

    Alexandre Bueno da Silva

    2012-01-01

    Introdução A visão tradicional afirma que as células miointimais responsáveis pela hiperplasia intimal derivam das células musculares lisas da média e que, através da mudança de seu fenótipo para um estado proliferativo, migram para a região intimal Esta visão tem sido contestada em algumas publicações que tem demonstrado o importante papel da adventícia na fisiopatologia da hiperplasia intimal. Objetivo: Analisar as alterações da estrutura da parede da aorta abdominal de suínos secundária a ...

  12. Sertralina e pancreatite aguda: relato de caso

    OpenAIRE

    Malbergier,André; Oliveira Júnior,Hercílio Pereira de

    2004-01-01

    A pancreatite aguda é uma patologia grave e com considerável morbidade e mortalidade. Vários fatores são apontados como possíveis causas de pancreatite aguda. Neste relato, será apresentado um caso de pancreatite aguda com possível associação causal com um inibidor seletivo de recaptura de serotonina: sertralina. Após um mês de tratamento com sertralina, uma paciente do sexo feminino, 55 anos, desenvolveu forte dor abdominal e elevação da amilase sérica. Após internação e retirada da sertrali...

  13. O papel da avaliação inicial simplificada no prognóstico da pancreatite aguda The role of simplified initial evaluation for acute pancreatitis prognosis

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Márcio Cavalcante Carneiro

    2006-06-01

    Full Text Available OBJETIVO: Correlacionar a avaliação clínico-laboratorial inicial simplificada com a gravidade da pancreatite aguda e a presença de necrose. MÉTODO: Foi realizado um estudo retrospectivo dos pacientes com diagnóstico final de PA internados no Hospital Universitário Clementino Fraga Filho - UFRJ entre janeiro de 1990 e agosto de 2002. Foi considerado apenas o primeiro episódio de cada paciente. Os dados obtidos foram submetidos a análise estatística. Foram estudados 164 pacientes onde a idade média foi de 43,7 anos. RESULTADOS: A etiologia biliar foi a mais freqüente com 43,9% dos casos. A incidência de necrose foi de 21,3% e a mortalidade global de 23,2%. Observamos que a ausência de taquicardia na admissão estava associada à forma branda da doença, e que os níveis plasmáticos de uréia e creatinina elevados na admissão estão associados à forma grave da doença, e a hiperglicemia (121mg/dl à necrose pancreática. CONCLUSÕES: A avaliação inicial simplificada ainda tem espaço, embora que limitado, no acompanhamento do paciente com PA.BACKGROUND: Our goal was to study if early and simplified clinical and laboratorial evaluation are associated to severity and necrosis in acute panceatitis (AP. METHODS: One hundred and sixty four patients, hospitalized at the Clementino Fraga Filho University Hospital between January 1990 and August 2002 with a AP final diagnosis, were included in this study. The study was retrospective and included only the first episode of each patient. From the charts we obtained clinical, laboratorial, imaging exams, operations and death data. From these data we established the severity of each case. Statistical analysis used the Variance Analysis test of Kruskal-Wallis, completed by the Multiple Comparisons test if the diference was significant. Statistic significance was defined as p< 0,05. RESULTS: Biliar etiology was the most common: 43,9% of cases, necrosis incidence was 21,3% and overall mortality

  14. A distensibilidade da aorta prediz o acidente vascular cerebral em pacientes hipertensos

    OpenAIRE

    Telmo Pereira; João Maldonado; Liliana Pereira; Jorge Conde

    2013-01-01

    FUNDAMENTO: A doença cardiovascular continua a ser principal causa de morte nos países desenvolvidos e não é inteiramente prevista por fatores de risco clássicos. O aumento da rigidez arterial constitui um importante determinante de morbidade e mortalidade cardiovascular. OBJETIVO: Avaliar se a velocidade da onda de pulso prediz a ocorrência de acidente vascular cerebral (AVC) em pacientes hipertensos. MÉTODOS: Estudo de coorte, observacional, prospetivo, multicêntrico, incluindo 1.133 pacien...

  15. Paraplegia aguda. Uma complicação rara da dissecção aórtica Acute paraplegia. A rare complication of aortic dissection

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Renato Côrtes de Lacerda

    1998-04-01

    Full Text Available Mulher normotensa de 67 anos desenvolveu síncope, seguida de choque, e, mesmo após estabilização hemodinâmica, permaneceu anúrica. Observaram-se paraplegia e paresia do membro superior direito, além de isquemia das extremidades distais dos membros inferiores. A hipótese de dissecção aórtica aguda foi considerada e confirmada através de tomografia computadorizada, tendo sido a paraplegia atribuída a infarto isquêmico da medula espinhal. Óbito ocorreu no 4º dia de evolução, conseqüente a tamponamento pericárdico. São revistas as dificuldades diagnósticas relacionadas a manifestações pouco conhecidas da dissecção aórtica, enfatizando-se, como complicação rara, a paraplegia aguda.A 67 year-old normotensive woman had a syncope followed by shock and remained anuric after hemodynamic stabilization. Paraplegia and paresis of the right upper limb, as well as signs of ischemia of the distal lower limbs were noted. The possibility of acute aortic dissection was raised and confirmed by computed tomography. The paraplegia was attributed to an ischemic infarction of the spinal cord. The patient died on the fourth hospital day due to a pericardial tamponade. This rare and not well recognized complication of aortic dissection is briefly reviewed.

  16. Avaliação do efeito antinociceptivo e da toxicidade aguda do extrato aquoso da Hyptis fruticosa Salmz. ex Benth Evaluation of the analgesic effect and acute toxicity of the aqueous extract of Hyptis fruticosa (Salmz. ex Benth.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Aline B.L. Silva

    2006-12-01

    Full Text Available Este trabalho descreve o efeito antinociceptivo e a toxicidade aguda do extrato aquoso das folhas da Hyptis fruticosa Salmz. ex Benth. (Lamiaceae. O extrato aquoso liofilizado, administrado por via oral, reduziu as contorções abdominais induzidas por ácido acético (200, 400 e 500 mg/kg e o tempo de reação dos animais na primeira fase do teste da formalina (100 mg/kg e 400 mg/kg. No teste da placa quente, o extrato aquoso aumentou o tempo de latência ao calor (100 e 200 mg/kg tendo este efeito sido revertido pelo antagonista opióide naloxona (5 mg/kg; i.p.. No ensaio de toxicidade aguda, não foi detectada a morte de nenhum animal após tratamento com doses de até 5 g/kg (v.o. do extrato. Em conclusão, os resultados obtidos indicam que o extrato aquoso da Hyptis fruticosa apresenta efeito antinociceptivo em camundongos e não apresenta toxicidade aguda nas doses testadas.The antinociceptive effect and the acute toxicity of Hyptis fruticosa leaves were evaluated through the administration of its aqueous extract in mice. The extract, administered orally (200, 400, and 500 mg/kg, reduced the nociceptive response in the writhing test as well as in the early phase of the formalin test (100 and 400 mg/kg and it increased the latency time in the hot plate test (100 and 200 mg/kg. The antinociceptive effect was reversed by naloxone (5 mg/kg, i.p.. Moreover, no animal deaths were observed in doses up to 5 g/kg. In conclusion, the aqueous extract of Hyptis fruticosa showed no acute toxicity at the evaluated doses and revealed antinociceptive effect in mice. Such effects are possibly associated with the opioid system activation.

  17. Coarctação da aorta: resultados da cirurgia e análise crítica de diversas técnicas Coarctation of the aorta: surgical results and critical analysis of several techniques

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Carlos R Moraes

    1989-08-01

    Full Text Available Setenta pacientes com idade variável de 14 dias a 49 anos (média 7,6 anos foram submetidos à correção cirúrgica da coarctação da aorta. Vinte e seis (37,1% estavam no primeiro ano de vida. As técnicas cirúrgicas utilizadas incluíram aortoplastia com enxerto em 30 casos, aortoplastia com subclávia em 28, anastomose término-terminal e nove, interposição de enxerto tubular de Dacron em dois e aortoplastia com subclávia e preservação da circulação para o membro superior esquerdo em um. Ocorreram seis (8,5% óbitos imediatos e dois (2,8% tardios, não relacionados com o tipo de reparo. A mortalidade imediata teve relação direta com a idade, anomalias associadas e grave insuficiência cardíaca no pré-operatório. Todos os sobreviventes apresentam bons resultados tardios e nenhum caso de recoarctação foi observado. Não houve a presença de aneurisma no grupo de pacientes submetidos à aortoplastia com enxerto, provavelmente pelo uso de enxertos biológicos. Os autores tentam individualizar a operação, escolhendo a técnica mais apropriada para cada caso. Entretanto, sempre que possível, usam a aortoplastia com sublcávia em crianças com menos de cinco anos e anastomose término-terminal ou aortoplastia com enxerto em pacientes mais idosos.Seventy patients ranging in age from 14 days to 49 years (mean 7.5 yrs. were submitted to surgical repair of coarctation of the aorta. Twenty-six (37.1% were in the first year of life. Surgical techniques performed included patch aortoplasty in 30 cases, subclavian flap angioplasty in 28, resection and end-to-end anastomosis in 9, resection and interposition of a Dacron tube graft in 2 and subclavian aortoplasty with preservation of arterial blood flow to the left arm in 1. There were 6 (8.5% early and 2 (2.8% late deaths, not related to the type of repair. Early mortality was clearly related to young age, associated anomalies and severe pre-operative heart failure. All surviving

  18. Uso do sulfato de magnésio venoso para tratamento da asma aguda grave da criança no pronto-socorro

    OpenAIRE

    Tânia Mara Baraky Bittar; Sérgio Diniz Guerra

    2012-01-01

    A asma aguda grave é uma emergência médica que deve ser diagnosticada e tratada rapidamente. O tratamento inicial inclui broncodilatadores e corticosteróides sistêmicos. Em casos graves, com fraca resposta ao tratamento padrão, o sulfato de magnésio venoso surge como opção terapêutica. O objetivo deste artigo foi revisar a literatura sobre o uso do sulfato de magnésio venoso na asma aguda em crianças no pronto-socorro no que se refere a eficácia, indicação, dosagem, efeitos adversos e contrai...

  19. Significance of background activity and positive sharp waves in neonatal electroencephalogram as prognostic of cerebral palsy Valor do ritmo de base e da onda aguda positiva no eletrencefalograma neonatal como prognóstico da paralisia cerebral

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Márcia de Oliveira Nicolini Nosralla

    2009-09-01

    Full Text Available OBJECTIVE: To study the significance of electroencephalographic background activity and positive sharp waves in neonatal electroencephalogram as prognostic of cerebral palsy. METHOD: We studied prospectively and sequentially 73 newborns who had severe neonatal complications (neonatal anoxia, seizures, respiratory distress, sepsis, and meningitis. Nineteen newborns were excluded and 54 children formed the object of our study and were followed for 2 years. We analyzed gestational age, conceptional age, electroencephalographic background activity and positive sharp waves, which were correlated with cerebral palsy. RESULTS: There were no statistically significant correlation between gestational age and conceptional age and cerebral palsy; the electroencephalographic background activity was correlated with cerebral palsy as well as the positive sharp waves. CONCLUSION: Children with electroencephalographic background activity markedly abnormal and accompanied by positive sharp waves were associated with a worse prognosis.OBJETIVO: Estudar o valor do ritmo de base e das ondas agudas positivas no eletrencefalograma neonatal como prognóstico da paralisia cerebral. MÉTODO: Nós estudamos, prospectiva e sequencialmente, 73 recém-nascidos que apresentaram complicações neonatais graves (anoxia neonatal, crises convulsivas, desconforto respiratório, septicemia e meningite. Dezenove recém-nascidos foram excluídos e 54 crianças formaram o objeto do nosso estudo e foram seguidas por 2 anos. Nós analisamos a idade gestacional, a idade corrigida, o ritmo de base e as ondas agudas positivas, que foram correlacionadas com a paralisia cerebral. RESULTADOS: Não houve correlação estatisticamente significante entre as idades gestacional e corrigida com a paralisia cerebral; o ritmo de base foi correlacionado com a paralisia cerebral, tanto quanto as ondas agudas positivas. CONCLUSÃO: Crianças com o eletrencefalograma com o ritmo de base marcadamente

  20. Avaliação da Velocidade Média na Aorta Torácica Descendente em Fetos com Anemia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Taveira Marcos Roberto

    2001-01-01

    Full Text Available Objetivo: verificar se existe correlação significativa entre a velocidade média na dopplerfluxometria da artéria aorta torácica descendente e o grau de anemia fetal. Métodos: estudo prospectivo, transversal, no qual foram analisados 66 fetos de gestantes isoimunizadas, em que se realizou a cordocentese para a realização de transfusões intra-uterinas pela via intravascular (66,7%. Nos fetos que foram submetidos à transfusão intra-uterina pela via intraperitoneal, ou naqueles casos em que não houve necessidade de tratamento intra-uterino (33,3%, a determinação da concentração de hemoglobina do cordão foi realizada pela punção do cordão umbilical, no momento da interrupção da gestação. Neste grupo de fetos estudados, foi realizado exame dopplerfluxométrico da artéria aorta torácica descendente, sendo calculada a velocidade média de fluxo. Foi realizado estudo de associação entre as variáveis. Foram também calculados os valores de sensibilidade, especificidade, valores preditivos positivo e negativo. Resultados: observou-se correlação significativa e inversa entre a velocidade média na artéria aorta torácica descendente e o nível de hemoglobina fetal. A velocidade média na dopplerfluxometria da artéria aorta torácica descendente apresentou sensibilidade de 47,5% para anemia fetal moderada (Hg<10 g/dL, com o teste exato de Fisher apresentando valor de p<0,01, e de 54,5% para anemia fetal grave (Hg<7,0 g/dL, com um valor de p=0,01. Conclusões: houve associação significativa entre a velocidade média na aorta torácica descendente e o grau de diagnóstico de anemia fetal.

  1. Análise da expressão do oncogene PML-RARalfa por PCR quantitativa em pacientes com leucemia aguda promielocítica

    OpenAIRE

    2006-01-01

    O gene de fusão PML-RARα é o mais freqüente marcador molecular da Leucemia Aguda Promielocítica (LAP). Com o objetivo de comparar os métodos moleculares qualitativo e quantivo, avaliar os níveis de expressão do gene correlacionar com características biológicas foram de pacientes com LAP ao diagnostico e pós-consolidação. O RNA total foi extraído a partir de e o cDNA sintetizado por RT-PCR. O gene ABL foi utilizado como controle constitutivo e a análise quantitativa realizada por curva pa...

  2. Características genéticas da leucemia promielocítica aguda de novo Genetics characteristics of de novo acute promyelocytic leukemia

    OpenAIRE

    2009-01-01

    Geneticamente, a leucemia promielocítica aguda (LPA) caracteriza-se por alterações cromossômicas estruturais recorrentes, na grande maioria das vezes translocações, envolvendo sempre o lócus gênico para o receptor alfa do ácido retinoico (RARα) localizado no braço longo do cromossomo 17 (17q21), levando à formação de genes quiméricos e oncoproteínas de fusão. Em aproximadamente 98% dos casos, o gene RARα se encontra fusionado com o gene PML resultante da translocação cromossômica re...

  3. Efeitos hemodinâmicos da sobrecarga ventricular direita aguda experimental Efectos hemodinámicos de la sobrecarga ventricular derecha aguda experimental Hemodynamic effects of experimental acute right ventricular overload

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Flávio Brito Filho

    2011-04-01

    Full Text Available FUNDAMENTO: A sobrecarga ventricular direita aguda está associada a situações clínicas de elevada morbimortalidade, tais como: ressecções pulmonares extensas, tromboembolismo pulmonar, transplante pulmonar e edema pulmonar das altitudes. Alguns pontos de sua fisiopatologia permanecem obscuros. OBJETIVO: Avaliar os efeitos hemodinâmicos da sobrecarga ventricular direita aguda experimental em suínos. MÉTODOS: A sobrecarga ventricular direita foi induzida pela oclusão das artérias pulmonares através de ligaduras. Vinte porcos foram utilizados no estudo, sendo alocados em 04 grupos: um controle, não submetido à oclusão vascular pulmonar, e três de sobrecarga ventricular direita submetidos à oclusão das seguintes artérias pulmonares: SVD1 (artéria pulmonar esquerda; SVD2 (artéria pulmonar esquerda e do lobo inferior direito e SVD3 (artéria pulmonar esquerda, do lobo inferior direito e do lobo mediastinal, obstruindo a vasculatura pulmonar em 42, 76 e 82,0% respectivamente. Variáveis de hemodinâmica foram medidas a cada 15 minutos durante a uma hora do estudo. Na análise estatística, foram utilizados ajustes de modelos lineares mistos com estrutura de variâncias e covariâncias. RESULTADOS: Nas comparações intergrupais, houve aumento significativo da frequência cardíaca (p = 0,004, pressão arterial pulmonar média (p = 0,001 e pressão capilar pulmonar (p FUNDAMENTO: La sobrecarga ventricular derecha aguda está asociada a situaciones clínicas de elevada morbimortalidad, tales como: resecciones pulmonares extensas, tromboembolismo pulmonar, transplante pulmonar y edema pulmonar de las alturas. Algunos puntos de su fisiopatología permanecen obscuros. OBJETIVO:Evaluar los efectos hemodinámicos de la sobrecarga ventricular derecha aguda experimental en porcinos. MÉTODOS:La sobrecarga ventricular derecha fue inducida por la oclusión de las arterias pulmonares a través de ligaduras. Veinte cerdos fueron utilizados en

  4. Resultados da cirurgia do aneurisma da aorta abdominal em pacientes jovens Outcomes after surgical repair of abdominal aortic aneurysms in young patients

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Telmo P. Bonamigo

    2009-06-01

    Full Text Available CONTEXTO: A presença de aneurisma da aorta abdominal (AAA é rara em pacientes jovens. OBJETIVO: Avaliar os resultados da cirurgia do AAA em pacientes com idade BACKGROUND: Abdominal aortic aneurysms (AAA are rare in young patients. OBJECTIVE: To evaluate outcomes after AAA repair in patients aged < 50 years. METHODS: Between June 1979 and January 2008, 946 patients underwent elective repair for an infrarenal AAA performed by the first author. Of these, 13 patients (1.4% were < 50 years old at surgery. Demographic characteristics and surgical data were analyzed, as well as early and late outcomes after surgical intervention. RESULTS: Mean age was 46±3.4 years (ranging from 43 to 50 years. Most patients were men (76.9%, hypertensive (76.9% and smokers (61.5%. Perioperative morbidity and mortality rates were low (15.4% and 0%, respectively; one patient had respiratory infection and another patient had unstable angina. Median follow-up was 85.5 months, and two patients died due to ischemic cardiopathy and cerebrovascular accident during the follow-up period. CONCLUSION: AAA repair in young patients is a safe procedure, with good long-term results. In our study, there were no perioperative deaths, and a good long-term survival was observed.

  5. Utilização de endoprótese auto-expansível (Stent introduzida através da artéria femoral para tratamento de dissecção da aorta descendente

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fonseca José Honório Palma da

    1998-01-01

    Full Text Available OBJETIVO: Apresentar a correção de dissecção da aorta descendente, utilizando stent recoberto com dácron® introduzido através da artéria femoral na sala de hemodinâmica. MÉTODOS: Quatro pacientes foram submetidos à sedação, anestesia local de ambas regiões inguinais e a heparinização sistêmica, com cateter contendo o stent introduzido, através da artéria femoral comum, previamente dissecada, até a aorta descendente no seu terço médio. RESULTADOS: A expansão do stent foi realizada no local onde existia a lesão da íntima, diagnosticada por arteriografia e ecocardiograma. A oclusão da falsa luz foi imediata. O tempo do procedimento foi em média de 1h e 30min. A alta hospitalar ocorreu sem complicações. CONCLUSÃO: Este procedimento poderá proporcionar uma melhora substancial nos resultados do tratamento das dissecções da aorta descendente.

  6. Comparação do corticoide inalatório e oral no tratamento da disfonia aguda Use of inhaled versus oral steroids for acute dysphonia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Andréa Moreira Veiga de Souza

    2013-04-01

    Full Text Available A disfonia aguda é um quadro comum na prática clínica. Seu tratamento, principalmente em adultos, não é bem definido na literatura. O corticoide é o tratamento medicamentoso mais recomendado. Os estudos existentes, entretanto, não são suficientes para a determinação da superioridade entre diferentes corticoides e a melhor forma de administração. OBJETIVO: Este estudo clínico prospectivo teve como objetivo comparar o efeito do corticoide inalatório na forma de pó seco com o efeito do corticoide oral, no tratamento da disfonia aguda. MÉTODO: Foram avaliados 32 pacientes adultos, divididos em dois grupos de 16 pacientes para cada um dos tratamentos, antes e após sete dias do uso da medicação. Os pacientes foram submetidos à videolaringosocpia e avaliação perceptiva e acústica da voz. RESULTADOS: O tratamento inalatório e oral reduziram significativamente a hiperemia, o edema e melhorou o movimento muco-ondulatório; entretanto, a redução do edema foi estatisticamente mais significativa (p = 0,012 nos pacientes tratados com a forma inalatória. A comparação dos valores da análise perceptiva auditiva e das medidas acústicas após tratamento entre os grupos, entretanto, não apresentou significância estatística. CONCLUSÃO: Houve melhora significativa da laringite aguda nas avaliações realizadas, em todos os pacientes estudados, com os dois tratamentos. O tratamento com corticoide inalatório foi significativamente mais efetivo na redução do edema.Acute dysphonia is a frequent condition in clinical practice. Its treatment, especially in adults, is not well established in the literature. Steroids are the most recommended drug treatment. However, the existing studies are not enough to establish superiority among the different steroids and the best route of administration. OBJECTIVE: This prospective clinical study aimed at comparing the effect of inhaling steroids as a dry powder with the effect of oral steroids to

  7. Acute pancreatitis associated with acute viral hepatitis: case report and review of literature Pancreatite aguda associada com hepatite A aguda: relato de caso e revisão da literatura

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Danilo Bora Moleta

    2009-12-01

    Full Text Available This case report, along with the review presented, describes a patient diagnosed with acute viral hepatitis, who developed a framework of intense abdominal pain and laboratorial alterations compatible with acute pancreatitis. The association of acute pancreatitis complicating fulminant and non-fulminant acute hepatitis virus (AHV has been reported and several mechanisms have been proposed for this complication, but so far none is clearly involved. As acute hepatitis is a common disease, it is important to stimulate the development of other studies in order to determine local incidence and profile of patients presenting this association in our environment.Este relato de caso, junto com a revisão de literatura, descreve um paciente com diagnóstico de hepatite viral aguda, que desenvolveu quadro de dor abdominal intensa e alterações laboratoriais compatíveis com pancreatite aguda. Casos de pancreatite aguda complicando hepatites virais agudas fulminantes e não fulminantes tem sido esporadicamente relatados e vários mecanismos são propostos para explicar esta complicação, no entanto sua causa ainda se mantém desconhecida. Como a hepatite aguda é doença comum, é importante estimular o desenvolvimento de mais estudos na América Latina que visem determinar a incidência local e o perfil dos pacientes que apresentam esta complicação.

  8. Apendicitis Aguda

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Jorge Fallas González

    2012-03-01

    Full Text Available La apendicitis aguda, descrita desde 1886, es la emergencia quirúrgica más común. Tiene su mayor incidencia durante la adultez joven y su menor incidencia en niños y adultos mayores. Su diagnóstico se basa en una historia clínica completa, un examen físico bien orientado y en una adecuada interpretación de los exámenes de laboratorio y gabinete. A pesar de ser una entidad de resolución quirúrgica, su tratamiento engloba diferentes aspectos médicosAcute appendicitis, described since 1886, is the most common surgical emergency. It has its highest incidence during early adulthood, and its lowest incidence in infants and elders. The base of the diagnosis is a complete medical history, an oriented physical exam and an appropriate interpretation of the laboratory and complementary exams. Even though its resolution is a surgical procedure, its treatment involves different medical aspects

  9. Lesão pulmonar de reperfusão por oclusão da aorta abdominal: modelo experimental em ratos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    PINHEIRO BRUNO DO VALLE

    2000-01-01

    Full Text Available Introdução: Procedimentos cirúrgicos com oclusão da aorta têm sido associados a lesão pulmonar de reperfusão. O objetivo deste trabalho foi estudar a presença de edema pulmonar em um modelo de lesão de reperfusão por oclusão da aorta em ratos. Material e métodos: 33 ratos Wistar foram anestesiados com tiopental sódico (20mg/kg, via intraperitoneal, seguindo-se laparotomia por incisão mediana, para isolamento da aorta e cava inferior. A seguir, os animais foram randomizados em três grupos. Grupo isquemia-reperfusão (GIR, n = 5: animais submetidos a 30min de oclusão dos vasos, seguindo-se 120min de reperfusão. Grupo isquemia (GI, n = 5: animais submetidos a 30min de oclusão dos vasos. Grupo controle (GC, n = 5: animais submetidos apenas ao procedimento cirúrgico, sem oclusão dos vasos, acompanhados por 150min. Após o sacrifício, em 15 animais foram realizados estudos histopatológicos dos pulmões. Para caracterização de edema, foi realizada a análise morfométrica por contagem de pontos, determinando-se o índice de edema alveolar. Realizou-se também uma análise semiquantitativa da infiltração de polimorfonucleares nos pulmões. Em 18 animais retirou-se o pulmão direito para a determinação da relação entre os pesos úmido e seco. O índice de edema alveolar e a relação peso úmido/peso seco foram comparados entre os grupos através de ANOVA, com a correção de Bonferroni para comparação entre os grupos dois a dois. Resultados: Os animais do GIR apresentaram maior edema alveolar em relação aos do GI e GC (0,24; 0,18; 0,17; respectivamente, com p < 0,001. Não houve diferenças nas relações peso úmido/peso seco dos três grupos. Houve maior infiltração de células inflamatórias nos pulmões dos ratos submetidos a isquemia-reperfusão. Os autores concluem que a oclusão e desoclusão da aorta infra-renal está associada à lesão pulmonar. Essa lesão não foi induzida pela elevação da press

  10. Aspectos clínico-diagnósticos relativos à fase aguda da doença de Chagas, em pacientes submetidos a transplante de rim e imunodeprimidos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Pedro Renato Chocair

    1985-03-01

    Full Text Available Em sete pacientes submetidos a transplante de rim e imonodeprimidos reconheceram os Autores a ocorrência de doença de Chagas, em fase aguda. Tais eventos permitiram verificações sem dúvida expressivas e, entre elas, afigurou-se conveniente salientar as seguintes: presença de febre como manifestação proeminente; valor elucidativo da pesquisa do Trypanosoma cruzi no "creme" leucocitário em etapa de realização de diagnóstico diferencial, quando escassos os elementos orientadores; utilidade da evidenciação, por imunofluorescência, de anticorpos IgM antitripanossomo no soro; falta de participação de enfartamento de linfonodos superficiais ao exame clínico e de linfocitose, com linfócitos atípicos, ao hemograma; decurso não grave, sendo que, para tanto, pode ter contribuído a administração de benzonidazol; possibilidade de manutenção do uso de medicamentos imonossupressores; ausência de prejuízo quanto ao transplante. Julgaram os Autores oportuno relatar esses fatos, em virtude de implicações que eles ensejam quando em desenvolvimento trabalhos de natureza assistencial.

  11. Correção cirúrgica da coarctação da aorta em adultos sob assistência circulatória extracorpórea esquerda Surgical repair of coarctation of aorta in adults under left heart bypass

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Eduardo Carvalho Ferreira

    2012-03-01

    Full Text Available OBJETIVO: Descrever a experiência do serviço com a correção da coarctação da aorta em adultos utilizando assistência circulatória esquerda. MÉTODOS: De novembro de 2007 a outubro de 2009, oito pacientes adultos com coarctação da aorta foram submetidos a correção cirúrgica com interposição de enxerto tubular através de toracotomia póstero-lateral esquerda e uso de assistência circulatória com uso de circuito átrio esquerdo e artéria femoral. Cinco pacientes eram do sexo feminino e tinham idade média de 31,5 ± 13,1 anos. Todos tinham hipertensão arterial sistêmica (HAS e apresentavam doenças cardiovasculares associadas. RESULTADOS: Não houve óbitos ou complicações neurológicas. O tempo médio cirúrgico foi de 308 minutos, o tempo médio de assistência circulatória de 73 minutos e o de pinçamento aórtico médio de 65 minutos. O sangramento médio no pós-operatório foi de 696 ml. Seis pacientes evoluíram com HAS grave no pós-operatório, sendo necessário uso de vasodilatadores endovenosos. As altas hospitalares ocorreram em média no 9º dia pós-operatório. Houve redução significativa do gradiente médio da pressão arterial sistêmica. O seguimento ambulatorial com ecocardiograma até dois meses de pós-operatório demonstrou gradiente aorta/enxerto médio de 20,3 mmHg. CONCLUSÃO: O uso da assistência circulatória esquerda pode ser uma opção na correção cirúrgica da coarctação da aorta em adultos, principalmente em pacientes com alterações parede da aorta, não sendo observada isquemia medular nos casos estudados.OBJECTIVE: To describe our experience with repair of coarctation of the aorta in adults using left heart bypass. METHODS: From November 2007 to October 2009, eight adult patients with coarctation of the aorta underwent surgical repair under circulatory support using a left atrium to femoral artery bypass circuit, with graft interposition tube through left posterolateral thoracotomy

  12. Circulação coronária dependente do ventrículo direito na atresia pulmonar com septo interventricular íntegro. Ausência da origem das artérias coronárias da aorta Right ventricle-dependent coronary circulation in pulmonary atresia with intact ventricular septum. Absence of origin of the coronary arteries from the aorta

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ivan Romero Rivera

    1998-08-01

    Full Text Available São descritos os aspectos clínicos, ecocardiográficos e angiográficos de um neonato de sexo masculino, com cinco dias de vida e diagnóstico de atresia pulmonar com septo interventricular íntegro. Tanto o ecocardiograma como a aortografia mostraram ausência da origem das artérias coronárias da aorta. O ecocardiograma bidimensional e, posteriormente, a ventriculografia direita identificaram as artérias coronárias, originando-se no ventrículo direito. Não houve contrastação retrógrada da aorta ou do tronco pulmonar quando contrastadas as artérias coronárias. Este é o primeiro caso relatado com diagnóstico ecocardiográfico pré angiografia, e é um exemplo da necessidade de se avaliar as artérias coronárias em pacientes com atresia pulmonar e septo ventricular íntegro.This report describes the clinical, echocardiographic and angiographic aspects of a five-day old boy with pulmonary atresia and intact ventricular septum. Both the echocardiogram and the aortography did not show any coronary arteries arising from the aorta. Two-dimensional echocardiography was able to identify the coronary arteries originating from the right ventricle and so did the right ventricular angiogram. No retrograde flow into the aorta or pulmonary trunk was identified after opacification of the coronary arteries. As far as we know this is the first case diagnosed by echocardiography, and is a vivid example of the necessity of identifying the coronary arteries in patients with pulmonary atresia and intact ventricular septum.

  13. Comportamento da síndrome coronariana aguda: resultados de um registro brasileiro Acute coronary syndrome behavior: results of a Brazilian registry

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Leopoldo Soares Piegas

    2013-01-01

    ão ajudar a promover um melhor planejamento e manejo do atendimento da síndrome coronariana aguda a nível público e privado.BACKGROUND: Brazil lacks published multicenter registries of acute coronary syndrome. OBJECTIVE: The Brazilian Registry of Acute Coronary Syndrome is a multicenter national study aiming at providing data on clinical aspects, management and hospital outcomes of acute coronary syndrome in our country. METHODS: A total of 23 hospitals from 14 cities, participated in this study. Eligible patients were those who came to the emergency wards with suspected acute coronary syndrome within the first 24 hours of symptom onset, associated with compatible electrocardiographic alterations and/or altered necrosis biomarkers. Follow-up lasted until hospital discharge or death, whichever occurred first. RESULTS: Between 2003 and 2008, 2,693 ACS patients were enrolled, of which 864 (32.1% were females. T he final diagnosis was unstable angina in 1,141 patients, (42.4%, with a mortality rate of 3.06%, non-ST elevation acute myocardial infarction (AMI in 529 (19.6%, with mortality of 6.8%, ST-elevation AMI 950 (35.3%, with mortality of 8.1% and non-confirmed diagnosis 73 (2.7%, with mortality of 1.36%. The overall mortality was 5.53%. The multiple logistic regression model identified the following as risk factors for death regarding demographic factors and interventions: female gender (OR=1.45, diabetes mellitus (OR=1.59, body mass index (OR=1.27 and percutaneous coronary intervention (OR=0.70. A second model for death due to major complications identified: cardiogenic shock/acute pulmonary edema (OR=4.57, reinfarction (OR=3.48, stroke (OR=21.56, major bleeding (OR=3.33, cardiopulmonary arrest (OR=40.27 and Killip functional class (OR=3.37. CONCLUSION: The Brazilian Registry of Acute Coronary Syndrome data do not differ from other data collected abroad. The understanding of their findings may help promote better planning and management of acute coronary syndrome care

  14. Histopatologia da esquistossomose mansoni em fígado de Mus musculus infectado por amostras humanas de fase aguda e crônica da periferia de Belo Horizonte, Minas Gerais

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Amélia Dulce Vilela de Carvalho

    1986-06-01

    Full Text Available Exemplares de Biomphalaria glabrataforam infectados com miracídios obtidos de ovos de Schistosoma mansoni, encontrados em fezes de indivíduos de 7 a 18 anos, da região de Lagoa da Pampulha, Belo Horizonte, MG. Os pacientes de fase aguda se infectaram em uma primeira visita ao foco. Os da fase crônica eram moradores próximos aos focos. Para cada caso clínico, isolou-se a respectiva amostra do parasita. Foram infectados pela cauda 55 camundongos fêmeas com 70 ± 10 cercárias. Cortes histológicos de fígados, corados por HE, tricrômico de Gomori, impregnação metálica pela prata, e PAS foram observados à microscopia óptica. Não houve diferenças estatísticas em relação às médias das mensurações dos diâmetros dos granulomas referentes às amostras e datas de sacrifícios. Os granulomas apresentaram fase exsudativa do tipo Ha (reação de inflamação mista e IIIa (granuloma com células epitelióides. Com amostras de pacientes em fase aguda o padrão predominante foi a Ha na 7ª semana. Na 10.ª semana predominaram granulomas do tipo IIIa. Nas amostras de pacientes em fase crônica, verificou-se uma mescla de granulomas do tipo Ha e IIIa na 7ª semana. Na 10ª semana predominou o tipo IIIa. Alguns aspectos histopatológicos de fígados foram descritos e comparados com aqueles existentes na literatura.

  15. Avaliação prognóstica precoce da asma aguda na sala de emergência Early prognosis of acute asthma in the emergency room

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Deise Marcela Piovesan

    2006-02-01

    Full Text Available OBJETIVO: Estudar medidas clínicas e funcionais pulmonares utilizadas nos primeiros quinze minutos de manejo da asma aguda em um serviço de emergência, para predição prognóstica. MÉTODOS: Estudo de coorte, prospectivo, que incluiu pacientes consecutivos com asma aguda, com idades entre doze e 55 anos e medida do pico de fluxo expiratório menor ou igual a 50% do previsto. Realizaram-se avaliações na admissão, aos quinze minutos e em quatro horas após o início do tratamento. O tratamento incluiu salbutamol e ipratrópio, administrados por aerossol dosimetrado com espaçador, e 100 mg de hidrocortisona intravenosa. O desfecho favorável foi definido pelo pico de fluxo expiratório maior ou igual a 50% do previsto após a quarta hora de tratamento, e o desfecho desfavorável pelo pico de fluxo expiratório menor que 50% do previsto. RESULTADOS: Tiveram desfecho favorável 27 pacientes e desfavorável 24. A análise multivariada identificou o pico de fluxo expiratório em porcentagem do previsto aos quinze minutos como variável mais preditiva. O pico de fluxo expiratório maior ou igual a 40% aos quinze minutos mostrou significativa contribuição em predizer desfecho favorável (sensibilidade = 0,74, especificidade = 1,00 e valor preditivo positivo = 1,00. O pico de fluxo expiratório menor que 30% aos quinze minutos contribuiu para predizer desfecho desfavorável (sensibilidade = 0,54, especificidade = 0,93 e valor preditivo positivo = 0,87. CONCLUSÃO: O estudo sugeriu que a medida do pico de fluxo expiratório aos quinze minutos do manejo da asma aguda em um serviço de emergência é um instrumento útil para avaliação prognóstica.OBJECTIVE: To evaluate clinical and pulmonary function measurements taken in the first fifteen minutes of the assessment of acute asthma in the emergency room and used for prognostic purposes. METHODS: A prospective cohort study involving consecutive patients with acute asthma. Only patients who were

  16. Necrose pancreática delimitada e outros conceitos atuais na avaliação radiológica da pancreatite aguda

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Elen Freitas de Cerqueira Cunha

    2014-06-01

    Full Text Available A pancreatite aguda é uma condição inflamatória causada por ativação intracelular e extravasamento inapropriado de enzimas proteolíticas que determinam destruição do parênquima pancreático e dos tecidos peripancreáticos. Consiste em uma condição clínica bastante frequente, identificando-se duas formas principais de apresentação: a forma edematosa, menos intensa, e a forma necrosante, a forma grave da doença que acomete uma proporção significativa dos pacientes. A avaliação radiológica, sobretudo por tomografia computadorizada, tem papel fundamental na definição da conduta nos casos graves, sobretudo no que diz respeito à caracterização das complicações locais, que têm implicação prognóstica, e na determinação do tipo de abordagem terapêutica. Novos conceitos incluem a subdivisão da pancreatite necrosante nas formas de necrose do parênquima pancreático concomitante com necrose dos tecidos peripancreáticos ou necrose restrita aos tecidos peripancreáticos. Além disso, houve sistematização dos termos: acúmulos líquidos agudos peripancreáticos, pseudocisto, alterações pós-necróticas pancreáticas/peripancreáticas e necrose pancreática delimitada. Tal conhecimento é de extrema relevância no sentido de uniformizar a linguagem entre os especialistas envolvidos no diagnóstico e tratamento desses pacientes.

  17. Tratamento do aneurisma da aorta toracoabdominal com endoprótese ramificada para as artérias viscerais Branched endovascular stent graft for thoracoabdominal aortic aneurysm repair

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    André Simi

    2007-03-01

    Full Text Available Apresentamos um caso de aneurisma da aorta toracoabdominal (AATA tratado, exclusivamente, pela técnica endovascular, utilizando uma endoprótese ramificada e customizada. Paciente do sexo feminino, 68 anos de idade, tabagista, hipertensa, portadora de extenso AATA e múltiplas comorbidades que restringiam a indicação de cirurgia convencional. O aneurisma iniciava-se na aorta torácica descendente, estendendo-se até a aorta abdominal infra-renal, envolvendo as emergências das artérias viscerais, tronco celíaco, artérias mesentérica superior e renais. O AATA foi tratado pela técnica endovascular com implante de uma endoprótese ramificada. Essa endoprótese ramificada foi customizada com base nas características anatômicas da aorta e no posicionamento dos ramos viscerais, obtidos em angiotomografia, objetivando excluir o aneurisma, mantendo a perfusão das artérias viscerais. O procedimento foi realizado em centro cirúrgico, sob anestesia combinada, regional e geral, antecedido de drenagem liquórica e sob orientação fluoroscópica. O acesso para o implante do corpo principal da endoprótese ramificada e o controle radiológico foram realizados através das artérias femorais, previamente dissecadas. Através das ramificações da endoprótese, foram implantadas extensões secundárias, com stents revestidos, para as respectivas artérias viscerais, cujo acesso foi realizado via artéria axilar esquerda. O tempo total do procedimento foi de 14 horas, com 4 horas e 30 minutos de fluoroscopia, e foram utilizados 120 mL de contraste iodado. No pós-operatório, a paciente apresentou instabilidade hemodinâmica. Ecocardiograma transesofágico mostrou dissecção retrógrada da aorta torácica, tipo A, seguida de trombose espontânea da falsa luz. A tomografia de controle mostrou exclusão do AATA e perviedade das pontes para os ramos viscerais, sem vazamentos. A alta ocorreu no 13º dia de pós-operatório. O tratamento endovascular do

  18. Validade da amilasemia e da lipasemia no diagnóstico diferencial entre pancreatite aguda/crônica agudizada e outras causas de dor abdominal aguda Validity of serum amylase and lipase for the differential diagnosis between acute/acutized chronic pancreatitis and other causes of acute abdominal pain

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ricardo Custódio Pacheco

    2003-12-01

    Full Text Available RACIONAL: Várias doenças abdominais podem cursar com aumento de amilasemia e lipasemia. OBJETIVO: Avaliar a validade da amilasemia e lipasemia para os diagnósticos diferenciais entre pancreatite aguda/pancreatite crônica agudizada, doenças das vias biliares, úlcera gastroduodenal perfurada e apendicite aguda. PACIENTES E MÉTODOS: Foram avaliados, prospectivamente, 38 pacientes com pancreatite aguda/pancreatite crônica agudizada, 35 com doenças das vias biliares, 17 com úlcera gastroduodenal perfurada e 44 com apendicite aguda, com idade média (desvio padrão de 42,4 ± 17,7, 46,7 ± 18,3, 47,8 ± 12 e 33,7 ± 17,8 anos, respectivamente. A amilasemia e a lipasemia foram determinadas à admissão no pronto-socorro. RESULTADOS: Para o diagnóstico de pancreatite aguda/pancreatite crônica agudizada, quando o nível de corte da amilasemia variou entre o limite superior de referência e 5 vezes este limite, a sensibilidade diminuiu de 92% para 74%, a especificidade aumentou de 85% para 99%, o valor preditivo positivo aumentou de 71% para 97% e o valor preditivo negativo diminuiu de 96% para 91%. Para a lipasemia valores semelhantes foram obtidos para sensibilidade e valor preditivo negativo, mas a especificidade e o valor preditivo positivo foram mais baixos. Quando se considerou amilasemia ou lipasemia elevadas, houve pequeno aumento na sensibilidade e no valor preditivo negativo. CONCLUSÕES: Para o diagnóstico de pancreatite aguda/pancreatite crônica agudizada, 1 o melhor nível de corte para ambos os testes foi o de duas vezes o limite superior de referência; 2 as sensibilidades da amilasemia e da lipasemia foram semelhantes; 3 a especificidade e o valor preditivo positivo da amilasemia foram ligeiramente maiores do que as da lipasemia; 4 a sensibilidade, mas não a especificidade, aumentou quando pelo menos uma das enzimas estava elevada.BACKGROUND: Raised serum amylase and lipase levels are observed in several abdominal diseases

  19. Terapia intravenosa con células mesenquimales en la fase aguda del daño cerebral: estudio experimental en un modelo animal de trauma craneal pediátrico

    OpenAIRE

    Pérez Suárez, Esther

    2014-01-01

    Tesis doctoral inédita leída en la Universidad Autónoma de Madrid, Facultad de Medicina, Departamento de Pediatría. Fecha de lectura: 26-11-2014 Objetivo: Estudiar si la terapia intravenosa con células madre mesenquimales en la fase aguda del daño cerebral, es segura y consigue mejorar la recuperación motora, sensitiva y cognitiva a medio plazo, en ratas jóvenes que sufren un traumatismo craneoencefálico grave. También se realiza estudio de la distribución y supervivencia de estas células...

  20. Complicações orbitárias da rinossinusite aguda: uma nova classificação Orbital complications of acute rhinosinusitis: a new classification

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Antonio Augusto Velasco e Cruz

    2007-10-01

    Full Text Available A rinossinusite é uma doença potencialmente grave, e pode apresentar sérias complicações. As orbitárias são as mais freqüentes, graças às peculiaridades anatômicas desta região, podendo levar à morte em 5% dos casos. Os sintomas variam desde sinais flogísticos periorbitários até proptose do globo ocular, oftalmoplegia e amaurose. OBJETIVOS: Proposição de uma nova classificação para as complicações orbitárias das rinossinusites agudas. MATERIAL E MÉTODO: Revisão de TC e prontuários de 83 pacientes atendidos no Hospital das Clínicas da FMRP-USP, entre os anos de 1995 a 2005, com rinossinusites agudas complicadas. RESULTADOS: Após a revisão das TC e história clínica, foram identificadas em sessenta e seis pacientes, três tipos de complicações orbitárias: celulite orbitária (46,9%, abscesso subperiosteal (40,9% e abscesso orbitário (12,1%. Dezessete foram considerados como infecções palpebrais, ficando excluídos da nova classificação. CONCLUSÃO: As classificações das complicações orbitárias existentes na atualidade, como a de Chandler, não levam em conta os parâmetros anatômicos da órbita e tornaram-se obsoletas com o advento da TC. Este estudo propõe uma classificação mais concisa e objetiva que ajude a guiar a conduta terapêutica de forma mais linear.Rhinosinusitis is a severe sickness and may have serious complications. Orbital complications happen more often, due to anatomical particularities and are lethal in 5% of patients. They vary from inflammatory signs to proptosis, loss of ocular motility and blindness. AIM: We propose a new classification of acute rhinosinusitis complications. METHODS: A review of 83 patients with CT scan and clinical reports. Patients were evaluated at HCFMRP-USP between 1995 and 2005 and were diagnosed with complicated rhinosinusitis. RESULTS: In sixty-six patients, were identified three types of orbital complications: orbital cellulitis (46. 9%, subperiosteal

  1. Inhibition of cyclooxygenase-2 in experimental severe acute pancreatitis Inibição da Ciclo-Oxigenase-2 na pancreatite aguda grave experimental

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    José Luiz Jesus de Almeida

    2006-08-01

    Full Text Available BACKGROUND: The standard treatment for acute pancreatitis (AP is still based on supportive care. The search for a new drug that could change the natural history of the disease is a continuing challenge for many researchers. The aim of this study is to evaluate the effect of a cyclooxygenase-2 (COX-2 inhibitor on experimental AP in rats. METHODS: The animals were divided into 2 groups: Group 1 (n = 30-animals with taurocholate-induced AP treated with parecoxib (40 mg/kg. Group 2 (n = 30-animals with taurocholate-induced AP that received saline. The COX-2 inhibitor (parecoxib was injected immediately after AP induction, through the penis dorsal vein. The parameters evaluated were histology, serum levels of amylase, IL-6 and IL-10, and mortality rate. RESULTS: The serum levels of IL-6 and IL-10 in the parecoxib-treated group were lower than the control group. The amylase serum levels and the mortality rate remained unchanged in the treated animals. Histologic morphology also was unaltered, except for fat necrosis, which was higher in parecoxib-treated rats. CONCLUSION: Inhibition of Cox-2 decreases the systemic release of inflammatory cytokines, but has a poor effect on the direct pancreas injury caused by taurocholate.INTRODUÇÃO: O tratamento padrão para a pancreatite aguda permanece baseado em medidas de suporte. A busca por uma droga que altere a história natural da doença ainda é um desafio para muitos pesquisadores. O objetivo deste estudo é avaliar o efeito de um inibidor da COX-2 na pancreatite aguda grave experimental (PA em ratos. MÉTODO: Os animais foram divididos em dois Grupos: Grupo 1 (n=30 - animais com PA induzida por taurocolato e tratados com parecoxib (40mg/Kg. Grupo 2 (n=30 - animais com PA induzida por taurocolato que receberam solução salina. O inibidor de COX-2 (parecoxib foi injetado imediatamente após a indução, através da veia dorsal do pênis. Os parâmetros avaliados foram histologia, níveis séricos de

  2. Aspectos clínico-diagnósticos relativos à fase aguda da doença de Chagas, em pacientes submetidos a transplante de rim e imunodeprimidos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Pedro Renato Chocair

    1985-03-01

    Full Text Available Em sete pacientes submetidos a transplante de rim e imonodeprimidos reconheceram os Autores a ocorrência de doença de Chagas, em fase aguda. Tais eventos permitiram verificações sem dúvida expressivas e, entre elas, afigurou-se conveniente salientar as seguintes: presença de febre como manifestação proeminente; valor elucidativo da pesquisa do Trypanosoma cruzi no "creme" leucocitário em etapa de realização de diagnóstico diferencial, quando escassos os elementos orientadores; utilidade da evidenciação, por imunofluorescência, de anticorpos IgM antitripanossomo no soro; falta de participação de enfartamento de linfonodos superficiais ao exame clínico e de linfocitose, com linfócitos atípicos, ao hemograma; decurso não grave, sendo que, para tanto, pode ter contribuído a administração de benzonidazol; possibilidade de manutenção do uso de medicamentos imonossupressores; ausência de prejuízo quanto ao transplante. Julgaram os Autores oportuno relatar esses fatos, em virtude de implicações que eles ensejam quando em desenvolvimento trabalhos de natureza assistencial.The Authors detected the acute stage of Chagas'diseasein seven immunosuppressedpatients, following renal transplantation. The outstanding clinical and diagnostic features seen in these patients were as follows: fever was an important clinical sign of disease; the direct microscopic demonstration of Trypanosoma cruzi in the buffy layer of blood samples yielded positive results; immunofluorescent IgM antibodies may befound in sera; no lymph node enlargement was noticed on clinical examination and lymphocytosis was not seen on blood smears. The clinical course of the disease was not severe, although this could in part be due to treatment with benznidazole. The immunoppressive therapy could be maintained and no damage occurred to the transplanted organ.

  3. Valor prognóstico da hiperglicemia de estresse na evolução intra-hospitalar na coronariopatia aguda

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Carlos Passos Pinheiro

    2013-02-01

    Full Text Available FUNDAMENTO: Na síndrome coronariana aguda (SCA, a hiperglicemia, à admissão hospitalar, está associada à presença de eventos adversos cardiovasculares em pacientes com ou sem diabetes. OBJETIVO: Avaliar o valor prognóstico da hiperglicemia de estresse na evolução intra-hospitalar de pacientes admitidos por SCA. MÉTODOS: Foram incluídos 152 pacientes admitidos, entre setembro de 2005 e fevereiro de 2010, em unidade de dor torácica de hospital terciário com diagnóstico de SCA, que apresentavam valor da glicemia laboratorial na admissão. O grupo I foi formado pelos pacientes com hiperglicemia de estresse, definida por glicemia na admissão > 126 mg/dL em não diabéticos e > 200 mg/dL nos diabéticos, e o grupo II pelos pacientes com níveis glicêmicos inferiores aos níveis estabelecidos. Analisou-se a associação da hiperglicemia e evolução intra-hospitalar. RESULTADOS: A hiperglicemia de estresse associou-se a complicações intra-hospitalares, aumento da idade e gênero feminino. Na análise multivariada, apenas gênero feminino (OR = 2,04; IC95% 1,03 - 4,06, p = 0,007 e complicações intra-hospitalares (OR = 3,65; IC95% 1,62 - 8,19, p = 0,002 se associaram de forma independente à hiperglicemia na admissão. CONCLUSÃO: A hiperglicemia de estresse é fator preditivo independente para complicações intra-hospitalares após SCA em pacientes diabéticos ou não. Os resultados alertam para a necessidade de avaliarmos a glicemia na admissão em todos os pacientes admitidos por SCA, incluindo os não diabéticos, com o intuito de identificarmos os indivíduos com maior risco de complicações.

  4. Priming previne a insuficiência renal aguda nefrotóxica através da estimulação do mecanismo de defesa antioxidante

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fernanda Duarte

    2016-06-01

    Full Text Available RESUMO Introdução: Priming é um mecanismo de proteção induzida pela exposição anterior de uma célula ou órgão a baixas ou mesmas concentrações de uma substância tóxica. Objetivo: analisar o mecanismo de priming induzido pela exposição a gentamicina em células tubulares proximais humanas e na insuficiência renal aguda (IRA. Métodos: Células tubulares foram expostos a 2 mM de gentamicina durante 24 horas, enquanto ratos Wistar foram expostas a 40 mg/kg durante 3 dias. Depois de uma semana, as células foram expostas à mesma concentração durante 24h e os ratos durante dez dias. Os animais condicionados foram comparados com ratos controle e tratados com gentamicina durante 10 dias. Foram analisados parâmetros bioquímicos, o estresse oxidativo foi analisado por hidroperóxidos e proteínas carboniladas urinárias, enquanto a defesa antioxidante foi estudada pela atividade antioxidante do plasma e imunomarcação e atividade da catalase, superóxido dismutase, heme oxigenase-1 (HO-1 nos rins. Necrose, apoptose, proliferação e expressão da endotelina-1 (ET-1 e HO-1 foram estudadas em células. Resultados: o condicionamento dos animais inibiu o aumento da creatinina, ureia, excreção urinária de sódio e de proteína induzida por gentamicina. Bosentana, antagonista do receptor ET-1, e hemin, indutor de HO-1, potencializaram a inibição. O mecanismo de proteção foi mediado pela indução de enzimas antioxidantes HO-1, catalase e SOD atividade e redução do estresse oxidativo. O condicionamento inibiu a morte celular e induziu a proliferação via produção de ET-1. Conclusão: o mecanismo de condicionamento é persistente e multifactorial, o estímulo da defesa antioxidante poderia mimetizar o processo de condicionamento e impedir a IRA.

  5. Cirurgia das dissecções crónicas da aorta ascendente com insuficiência valvar Surgery of chronic aortic dissection with aortic insufficiency

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Paulo M Pêgo-Fernandes

    1990-12-01

    Full Text Available No período de janeiro de 1980 a dezembro de 1988, foram operados 44 pacientes com dissecções aórticas crônicas e insuficiência aórtica. Esse grupo foi analisado para se avaliar a evolução comparativa dos doentes em que a valva aórtica foi preservada em relação àqueles em que houve substituição valvar. As características pré-operatórias eram semelhantes, sendo efetuada troca da valva quando havia degeneração valvar ou ectasia ânulo-aórtica. Nos casos de desabamento de válvulas com alargamento do anel realizou-se plástica valvar. Em 48% dos casos foi possível a preservação valvar através de suspensão da valva aórtica. Nos 23 doentes em que foi realizada a substituição valvar, a técnica de Bentall e De Bono foi utilizada em 16. Em seis pacientes foram associados outros procedimentos cirúrgicos. Em todos os doentes operados a partir de 1986 foi utilizada cola biológica. Em 41 (93% pacientes a aorta proximnal foi substituída e nos três restantes realizou-se aortoplastia. Cinco pacientes (11% tiveram morte hospitalar, três por baixo débito, um por sangramento e um por complicação neurológica. Dois pacientes (4% apresentaram morte tardia. O seguimento dos 37 sobreviventes variou de dois a 108 meses, com média de 18: 78% estavam em classe I e os demais em classe II. Dois pacientes que tiveram a valva preservada apresentaram insuficiência aórtica discreta. Três doentes que receberam válvula biológica necessitaram reoperaçáo tardiamente, por disfunção da válvula. Um doente submetido, inicialmente, a aortoplastia e plástica valvar apresentou redissecção e insuficiência aórtica após 60 meses, sendo reoperado pela técnica de Bentall. No estudo com curva atuarial de sobrevida notamos que os pacientes submetidos a plástica valvar tiveram maior sobrevida. Podemos concluir que: 1 a suspensão valvar é uma técnica satisfatória em pacientes com dissecções crônicas da aorta, com baixa mortalidade e

  6. Valva aórtica bicúspide: fundamentos teóricos e clínicos para substituição simultânea da aorta ascendente Bicuspid aortic valve: theoretical and clinical aspects of concomitant ascending aorta replacement

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Mauro Paes Leme De Sá

    2009-06-01

    Full Text Available A valva aórtica bicúspide (VAB está associada à ectasia ânulo-aórtica, aneurisma e dissecção da aorta ascendente. A alta incidência desta malformação congênita e doença da aorta sugere íntima relação entre os fenômenos. Anormalidades ocorrendo em diferentes fases da migração das células da crista neural podem ser responsáveis pela ocorrência em anormalidades na valva aórtica, na camada média da aorta ascendente e nos vasos do arco aórtico. Estudos prévios revelam que mesmo indivíduos com VAB normal ou com disfunção leve podem apresentar dilatação da raiz aórtica. Os autores acreditam que somente as alterações hemodinâmicas produzidas por uma VAB sem estenose ou insuficiência parecem ser insuficientes para as graves complicações vasculares observadas nos portadores de VAB. Vários mecanismos têm sido propostos para explicar os achados moleculares e histológicos desta doença. Encontramos a redução da fibrilina-1 na aorta ascendente e artéria pulmonar como possível causa. Histologicamente, a aorta ascendente pode apresentar necrose cística da média e fragmentação elástica, semelhante àquela encontrada em portadores de síndrome de Marfan. Vários autores atualmente recomendam que em se operando um paciente com VAB, especialmente aqueles com insuficiência aórtica, mesmo na presença de uma discreta dilatação (45 mm deve-se substituir a valva aórtica e a aorta ascendente concomitantemente quando a expectativa de vida exceder 10 anos, para se prevenir futuros aneurismas ou rupturas.Bicuspid aortic valve (BAV is associated with annuloaortic ectasia, dissection and ascending aortic aneurysm. The high incidence of this congenital malformation and aortic disease suggests a close correlation between the two phenomena. Abnormalities in different phases of cell migration of the neural crest might be responsible for the occurrence of abnormalities in the aortic valve, media layer of the ascending aorta

  7. Utilização de terapêuticas comprovadamente úteis no tratamento da coronariopatia aguda: comparação entre diferentes regiões brasileiras. Análise do Registro Brasileiro de Síndromes Coronarianas Agudas (BRACE - Brazilian Registry on Acute Coronary Syndromes

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    José Carlos Nicolau

    2012-04-01

    Full Text Available FUNDAMENTO: Pouco se sabe, em nosso meio, sobre diferenças regionais no tratamento da coronariopatia aguda. OBJETIVO: Analisar o comportamento regional relativamente à utilização de terapêuticas comprovadamente úteis na coronariopatia aguda. MÉTODOS: Foram selecionados aleatoriamente 71 hospitais, respeitando-se a proporcionalidade do país em relação à localização geográfica, entre outros critérios. Na população global, foi analisada regionalmente a utilização de AAS, clopidogrel, inibidor da ECA/bloqueador de AT1, betabloqueador e estatina, isoladamente e agrupados por escore individual que variou de 0 (nenhum medicamento utilizado a 100 (todos utilizados. No infarto com supradesnivelamento de ST (IAMCSST foram analisadas diferenças regionais sobre utilização de terapêuticas de recanalização (fibrinolíticos e angioplastia primária. RESULTADOS: No global da população, nas primeiras 24 horas de hospitalização, a média de escore na região Norte-Nordeste (70,5 ± 22,1 foi menor (p < 0,05 do que nas regiões Sudeste (77,7 ± 29,5, Centro-Oeste (82 ± 22,1 e Sul (82,4 ± 21. Por ocasião da alta, o escore da região Norte-Nordeste (61,4 ± 32,9 foi menor (p < 0,05 do que nas regiões Sudeste (69,2 ± 31,6, Centro-Oeste (65,3 ± 33,6, e Sul (73,7 ± 28,1; adicionalmente, o escore do Centro-Oeste foi menor (p < 0,05 do que o do Sul. No IAMCSST, o uso de terapêuticas de recanalização foi maior no Sudeste (75,4%, p = 0,001 em relação ao restante do país, e menor no Norte-Nordeste (52,5%, p < 0,001 em relação ao restante do país. CONCLUSÃO: O uso de terapêuticas comprovadamente úteis no tratamento da coronariopatia aguda está aquém do desejável no país, com importantes diferenças regionais.

  8. Manejo da hipertensão arterial na isquemia cerebral aguda Management of arterial hypertension in patients with acute ischemic stroke

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    WALTER JOSÉ FAGUNDES-PEREYRA

    1999-12-01

    Full Text Available OBJETIVO: Avaliar o nível de conhecimento dos médicos, através de sua conduta, em paciente com quadro de hipertensão arterial na fase aguda da isquemia cerebral. Também comentamos as principais condutas nesta fase, com ênfase na tensão arterial (TA. MÉTODO: Foram entrevistados 120 médicos da clínica médica e da cirurgia geral, em dez dos maiores Hospitais de Belo Horizonte, em 1997. Todos responderam a um questionário contendo um caso clínico de paciente hipertenso leve, admitido com quadro de isquemia cerebral e tensão arterial de 186x110 mmHg. Os profissionais deveriam optar por reduzir, aumentar ou manter a TA. RESULTADOS: Dos entrevistados, 38 (31,7% responderam que reduziriam os níveis tensionais, 82 (68,3% optaram pela manutenção e nenhum aumentaria (pPURPOSE: We aimed with study to assess the current clinical practice about the management of high blood pressure in patients in the acute phase of ischemic stroke. We also comment some topics of ischemic stroke treatment. METHODS: A case report of a patient admitted 8 hours after onset of ischemic stroke and with blood pressure of 186x110 mmHg was presented to 120 surgeons and clinician. They were asked to decide the best therapeutic option: to increase, decrease or maintenance blood pressure. RESULTS: Thirty-eight physicians (31,7% considered decreasing blood pressure the best therapeutics, 82 (68,3% considered maintenance and none decided to increase it (p < 0.05. There was no difference between the two specialties conduct. The physicians, with more than 10 years of graduation, had a tendency to decrease the blood pressure (p <0.05. CONCLUSION: The maintenance of blood pressure may present a sufficient blood support to compensate brain flow. A high percentage of the physicians (31,7% do not know about the current concepts of therapeutics considering hypertension in acute ischemic stroke. The development on special units to treat these patients ("stroke units" may eventually

  9. Efeito da suplementação aguda com cafeína na resposta bioquímica durante exercício de endurance em ratos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Vivian Francielle França

    2015-10-01

    Full Text Available RESUMOIntrodução:A cafeína é atualmente a substância mais consumida no mundo, e associada ao exercício físico, vem trazendo importantes ganhos no desempenho.Objetivo:Investigar efeitos bioquímicos da suple-mentação aguda de cafeína após um exercício de endurance em ratos Wistar.Métodos:Foram utilizados 27 ratos Wistar machos, pesando 357 ± 73 g, distribuídos de forma aleatória em três grupos: 1 Controle (sem suplementação e exercício; 2 Salina (salina + exercício; 3 Cafeína (6 mg/Kg de cafeína + exercício. As suple-mentações foram administradas com antecedência de 50 minutos da natação com duração de 60 minutos. Logo após a natação, os animais foram sacrificados para coleta de sangue e biópsia de tecido hepático e muscular. Foram analisados os níveis de glicose sanguínea, triglicerídeos, lactato sérico e concentrações de glicogênio hepático e muscular. Todos os resultados foram representados como média ± EPM. Para a análise estatística foi usado o teste ANOVA one way, sendo considerada diferença estatística somente para P<0,05.Resultados:O glicogênio muscular e o lactato não diferiram entre os grupos. A cafeína preservou os níveis de glicose sanguínea e glicogênio hepático (P<0,05. A cafeína elevou os níveis de glicerol plasmático em 31,2% (P<0,05 quando comparado ao grupo exercitado sem suplementação.Conclusão:O estudo reporta que o uso da cafeína pré-exercício promove alterações bioquímicas que podem melhorar a eficiência metabólica durante o exercício de endurance.

  10. Efeito da prednisona em lesão medular aguda experimental em ratos Effect of prednisone on acute experimental spinal cord injury in rats

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    C.M.O. Silva

    2008-06-01

    Full Text Available Foram utilizados 25 ratos (Rattus novergicus submetidos a trauma experimental da medula espinhal, empregando-se aparelho estereotáxico com um peso de 50,5g comprimindo a duramáter durante cinco minutos. Após o trauma, os animais foram divididos em cinco grupos de cinco. O grupo A (controle recebeu placebo oito horas após o trauma; os grupos B, C, D e E receberam prednisona oito, 24, 48 e 120 horas após o trauma, respectivamente. A prednisona foi administrada na dose inicial de 2mg/kg, durante cinco dias, com diminuição progressiva até o 26º dia. Os animais foram avaliados conforme a capacidade motora, posicionamento proprioceptivo, reflexo de localização, plano inclinado e sensibilidade dolorosa. Após 33 dias da cirurgia, foram sacrificados para avaliação histológica das medulas espinhais. Observaram-se degeneração das raízes nervosas, necrose medular, inflamação local e reação glial, sem diferenças entre os grupos. Não houve correlação entre os testes neurológicos. A utilização da prednisona na lesão medular aguda não teve efeito diferenciado com o tempo e não foi prejudicial na recuperação neurológica, mesmo quando utilizada tardiamente.Twent-five rats (Rattus novergicus were submitted to an experimental spinal cord injury by using a 50.5g stereotaxic equipament to apply pressure on the duramater during five minutes. After the spinal cord injury, the animals were randomly distributed into five groups of five animals each: one group received placebo 8 hours after injury and the remaining four groups received prednisone at 8, 24, 48, and 120 hours after injury. Prednisone was applied at 2mg/kg dosage during five days and progressively reduced until the 26th day. Animals were evaluated by motor capacity, proprioceptive positioning, locating reflex, inclined plan, and sensibility to pain. The animals were sacrificed 33 days after surgery for histological study of the spinal cords that revealed degeneration of the

  11. Lesão renal aguda por glicerol: efeito antioxidante da Vitis vinifera L Acute kidney injury by glycerol: antioxidant effect of Vitis vinifera L

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Elisabete Cristina de Oliveira Martim

    2007-09-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: A lesão renal aguda (LRA é a complicação mais grave da rabdomiólise. Nessa síndrome, a liberação do pigmento heme desencadeia uma lesão que se caracteriza por vasoconstrição glomerular e toxicidade celular direta com provável componente oxidante. A renoproteção com antioxidantes tem demonstrado efeito satisfatório. As proantocianidinas são antioxidantes naturais encontradas no extrato da semente da uva. O objetivo deste estudo foi avaliar o efeito antioxidante da Vitis vinifera sobre a função renal de ratos submetidos à lesão induzida por rabdomiólise. MÉTODO: Foram utilizados ratos Wistar, machos e adultos pesando entre 250 e 300 g. A LRA foi induzida pela administração de glicerol 50% por via muscular. Os animais foram distribuídos em 4 grupos: grupo Salina (6 mL/kg de NaCl a 0,9%, por via intraperitoneal (dose única, Glicerol (6 mL/kg por via muscular metade da dose em cada região femoral, em dose única, grupo Vitis vinifera (3 mg/kg/dia, por via oral durante cinco dias e grupo Glicerol + Vitis vinifera que recebeu Vitis vinifera por cinco dias antes do glicerol. RESULTADOS: Foram avaliados a função renal (FR e o perfil oxidativo (peróxidos urinários FOX-2 e MDA-TBARS. O grupo glicerol de animais tratado com Vitis vinifera apresentou melhora da FR e redução dos níveis de peroxidação lipídica. CONCLUSÕES: Os resultados deste estudo confirmaram a ação antioxidante da Vitis vinifera na LRA induzida por glicerol.BACKGROUND AND OBJECTIVES: The Acute Kidney Injury (AKI is the most serious complication of rhabdomyolysis. In this syndrome, the delivery of heme pigment induces an injury that distinguishes itself by glomerular vasoconstriction and direct cellular toxicity with oxidative component. The renoprotection with antioxidants has demonstrated satisfactory effect. The proanthocyanidins are natural antioxidants found in the grape seed extract. The aim of this study was to

  12. Paraplegia aguda por compressão da medula espinhal torácica causada por tofo gotoso Acute paraplegia resulting from spinal cord compression by tophaceous gout

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Eduardo Massato Hasegawa

    2007-08-01

    Full Text Available O acometimento axial pela gota é um evento raro, e o envolvimento da coluna torácica foi descrito em apenas 17 casos na literatura. Apresentamos um caso de paciente do sexo masculino de 48 anos com história de gota, sob tratamento irregular com alopurinol e colchicina, que desenvolveu paraplegia aguda decorrente de compressão medular por tofo gotoso. Realizou-se o diagnóstico por meio de ressonância magnética e anatomia patológica. Foi tratado com antiinflamatórios e descompressão cirúrgica com melhora importante, porém parcial. Apesar de o acometimento medular pelo tofo ser um evento raro, deve ser considerado nos casos de síndrome de compressão medular em pacientes com antecedente de gotaAxial gout is a rare condition and the involvement of the thoracic spine has been described only 17 times in the literature. This paper presents the case of a 48 year-old male patient with a history of gout, under irregular treatment with allopurinol and colchicines, who developed acute paraplegia resulting from spinal cord compression by tophaceous gout. The diagnosis was made using magnetic resonance imaging and anatomic pathology. The patient was treated with anti-inflammatory drugs and surgical decompression and showed important, albeit partial, improvement. Thus, although tophi rarely affect the spinal cord, they should be considered as a possibility in cases of spinal cord compression syndrome in patients with a history of gout

  13. The importance of surfactant on the development of neonatal pulmonary diseases Síndrome da angustia respiratória aguda e proteinose alveolar congênita

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Priscila Pinheiro Ribeiro Lyra

    2007-01-01

    surfactante. São descritas quatro proteínas específicas denominadas surfactante pulmonar-A, surfactante pulmonar-B, surfactante pulmonar-C e surfactante pulmonar-D. Evidências clínicas, epidemiológicas e bioquímicas sugerem que a etiologia da síndrome do desconforto respiratório é multifatorial com um componente genético significativo. Existem na literatura algumas descrições sobre a presença de polimorfismos e mutações em genes dos componentes do surfactante, particularmente no gene da surfactante pulmonar-B, os quais parecem estar associados à síndrome do desconforto respiratório, síndrome da angustia respiratória aguda e proteinose alveolar congênita. Diferenças individuais relacionadas à síndrome do desconforto respiratórioe síndrome da angustia respiratória aguda e à resposta dos pacientes ao tratamento podem refletir diversidade fenotípica, devido, parcialmente, à variação genética. O estudo das diferenças entre as variantes alélicas dos genes das proteínas do surfactante pode ajudar na compreensão das variabilidades individuais na susceptibilidade ao desenvolvimento de várias doenças pulmonares. A determinação de quais polimorfismos e mutações são, de fato, importantes na patogênese das doenças relacionadas à disfunção das proteínas do surfactante e a possibilidade da realização da genotipagem em indivíduos de alto risco constitui um novo campo de pesquisa, que pode permitir, futuramente, um aconselhamento genético mais efetivo, resultando no desenvolvimento de estratégias profiláticas e terapêuticas que representem um impacto real no manejo dos recém-nascidos portadores da síndrome do desconforto respiratório e outras patologias pulmonares.

  14. Insuficiência Hepática Aguda da Gravidez Experiência Clínica com Sete Casos Acute Liver Failure of Pregnancy ¾ Clinical Experience with Seven Cases

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marcelo Perosa

    2001-04-01

    Full Text Available Objetivos: avaliar a dificuldade diagnóstica, o tratamento e seu resultado em casos de insuficiência hepática aguda da gravidez. Métodos: sete pacientes com insuficiência hepática aguda da gravidez admitidas em nosso Serviço nos últimos quatro anos foram estudadas com ênfase nos sintomas presentes, achados laboratoriais, curso clínico, complicações maternas e sobrevida fetal. Resultados: a média de idade foi de 25,8 anos (sendo duas primigestas com idade gestacional média de 30,1. Destas, quatro receberam diagnóstico final de esteatose hepática aguda da gravidez e três de colestase intra-hepática da gravidez. Os principais sinais e sintomas encontrados foram: anorexia, náusea, dor abdominal, icterícia e encefalopatia. Ocorreu morte materna em dois casos: uma paciente por falência hepática enquanto aguardava órgão para transplante e outra por falência hepática, coagulopatia grave e choque hemorrágico após biópsia hepática. Uma paciente com esteatose hepática aguda evoluiu para cronicidade e encontra-se viva um ano após transplante hepático. Nos quatro casos restantes houve completa remissão do quadro com as medidas de suporte, associadas à interrupção da gravidez. As mortalidades materna e fetal foram, respectivamente, 28,6% e 57,1%. Conclusões: concluiu-se, nesta experiência inicial, que a insuficiência hepática aguda da gravidez constitui evento clínico grave, de elevada mortalidade materno-fetal, e que seu pronto reconhecimento e encaminhamento para centros terciários especializados em fígado, além da imediata interrupção da gestação, são fatores decisivos para o sucesso do tratamento.Purpose: to evaluate the diagnostic difficulties, treatment and outcome in cases of acute liver failure of pregnancy. Methods: seven patients with acute liver failure of pregnancy, managed during the past 4 years, were studied with emphasis on presenting symptoms, laboratory findings, clinical course, maternal

  15. Tratamento cirúrgico das dissecções de aorta tipo A utilizando parada cardiocirculatória total com hipotermia profunda

    OpenAIRE

    Albuquerque,Luciano Cabral; Goldani, Marco Antônio; GOLDANI,Juremir João; PIANTÁ Ricardo Medeiros; Rubens Lorentz ARAÚJO; Petracco,João Batista

    1993-01-01

    No período de julho de 1986 a julho de 1993, 22 pacientes portadores de dissecção de aorta tipo A foram tratados cirurgicamente utilizando-se parada cardiocirculatória (PCC) total sob hipotermia profunda (18ºC), dos quais 15 apresentavam dissecção aguda e 7 dissecção crônica. Em 14 casos (64%) a aorta ascendente foi reconstruída utilizando-se enxerto reto de Dacron, com troca valvar aórtica em 5 pacientes e ressuspensão valvar aórtica em 2; a reconstrução do arco aórtico foi empregada em 8 ca...

  16. Estudo da ação inflamatória aguda do tiopental intraperitoneal em ratos Acute inflammatory action of tiopental intraperitoneal in rats

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    A.B. Carregaro

    2005-04-01

    Full Text Available Determinou-se a ação inflamatória aguda do tiopental intraperitoneal (IP utilizando-se 72 ratos, divididos em grupo-tratado (40mg/kg de tiopental a 2,5% IP e grupo-controle (0,25ml de solução fisiológica IP. Para determinar o processo inflamatório, colheu-se o lavado peritoneal às 2, 6, 12, 24 e 48h após a inoculação. Os animais foram anestesiados com isoflurano e submetidos à eutanásia por secção dos vasos cervicais. Administraram-se 5ml de solução fisiológica heparinizada por via IP e, após homogeneização, divulsionou-se o peritôneo e colheu-se a amostra. Determinaram-se a dosagem de proteínas plasmáticas (PP, a contagem global (CGL e a diferencial (CDL de leucócitos. Não foi observada diferença na PP entre os grupos em nenhum momento exceto às 2h. Entre os momentos, a dosagem foi superior às 6 e 12h nos dois grupos. Não houve diferença entre os grupos para a CGL. Entre os momentos, a CGL diferiu dos demais às 6h em ambos os grupos. Verificou-se o mesmo perfil para a CDL entre os grupos exceto para os eosinófilos às 6h. Entre os momentos, os valores foram diferentes em relação aos neutrófilos em ambos os grupos, às 6 e 12h. Observou-se reação inflamatória aguda no processo provavelmente desencadeada pela ação mecânica da injeção. A eosinofilia observada no grupo-tratado após 6h sugere uma certa ação irritante do tiopental.The acute inflammatory action of thiopental intraperitoneal (IP in rats was studied. Seventy two animals were divided in treated (40mg/kg of thiopental, 2.5% IP and control (0.25ml of saline solution IP rats. In order to evaluate the inflammatory process, peritoneal fluid was taken at 2h, 6h, 12h, 24h e 48h after drug administration. The animals were anesthetized with isoflurane and submitted to euthanasia through cervical vessels section. Five millilitres of heparinized saline solution were injected IP, homogenized by abdomen massage and then withdrawn. Plasma protein (PP

  17. Manifestações orais decorrentes da quimioterapia em crianças portadoras de leucemia linfocítica aguda

    OpenAIRE

    Morais,Everton Freitas de; Lira,Jadson Alexandre da Silva; Macedo,Rômulo Augusto de Paiva; Santos,Klaus Steyllon dos; Elias,Cassandra Teixeira Valle; Morais, Maria de Lourdes Silva de Arruda

    2014-01-01

    Introdução: A leucemia linfocítica aguda é um dos tipos de câncer mais comuns em crianças e é caracterizada pela produção excessiva e desordenada de leucócitos imaturos na medula óssea. Objetivo: Identificar as manifestações orais mais frequentes em crianças portadoras de leucemia linfocítica aguda sob o tratamento quimioterápico. Metodologia: A pesquisa foi realizada nas bases de dados eletrônicas PubMed/Med...

  18. Uso de terapias não convencionais no manejo da crise aguda de asma refratária Non-conventional therapies to manage refractory acute asthma attack

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    RAQUEL HERMES ROSA OLIVEIRA

    2002-09-01

    Full Text Available Uma paciente em crise aguda de asma, refratária ao uso de beta2-agonista inalatório e intravenoso, aminofilina intravenosa e corticóide, em ventilação mecânica, foi tratada com métodos terapêuticos não convencionais: broncoscopia, lavado broncoalveolar com N-acetilcisteína e ventilação com halotano. Houve melhora dos parâmetros ventilatórios após o lavado e a resolução do broncoespasmo ocorreu após a anestesia, propiciando a extubação e alta da UTI. É feita uma revisão da literatura sobre o uso desses métodos na crise aguda de asma.A patient with an acute asthma attack refractory to inhaled and intravenous beta2-agonist, aminophylline and corticosteroids was submitted to mechanical ventilation and treated with non-conventional therapies: bronchoscopy with bronchoalveolar lavage using N-acetylcysteine and halothane inhalation. The ventilatory parameters improved after lavage, however, bronchospasm resolution occurred only after anesthesia which was followed by extubation and discharge from the ICU. A review of the use of these non-conventional therapeutic modalities for the management of acute asthma attack is presented.

  19. CONTRIBUIÇÃO DA NATAÇÃO PARA A REABILITAÇÃO DA BURSITE DE OMBRO PÓS-FASE AGUDA

    OpenAIRE

    2012-01-01

    A reabilitação da bursite subacromial associada à instabilidade multidirecional dá-se através de um programa de fortalecimento progressivo de todo o complexo do ombro. Sendo o nado crawl um aliado para promoção do fortalecimento do complexo do ombro objetivou-se investigar o potencial efeito que a natação exerce sobre a bursite subacromial. Foi realizada uma pesquisa bibliográfica baseada em cinesiologia aplicada, biomecânica da natação, conceitos de bursite subacromial, estabilidade e instab...

  20. Insuficiência respiratória aguda como manifestação da síndrome de eosinofilia-mialgia associada à ingestão de L-triptofano

    OpenAIRE

    Grangeia, Tiago de Araujo Guerra; Schweller, Marcelo; Paschoal, Ilma Aparecida; Zambon, Lair; Pereira, Mônica Corso

    2007-01-01

    A síndrome da eosinofilia-mialgia foi descrita em 1989 em pacientes que apresentavam mialgia progressiva e incapacitante e eosinofilia sérica, nos líquidos e secreções. A maioria dos pacientes relatava uso prévio de L-triptofano. Sintomas respiratórios são relatados em até 80% dos casos, eventualmente como manifestação única. O tratamento inclui suspensão da droga e corticoterapia. Relatamos o caso de uma mulher de 61 anos com insuficiência respiratória aguda após uso de L-triptofano, hidroxi...

  1. Growth and puberty after treatment for acute lymphoblastic leukemia Crescimento e puberdade após tratamento da leucemia linfoblástica aguda

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Claudia Helena Bastos da Silva Alves

    2004-01-01

    Full Text Available Over the last 20 years, after combining treatment of chemotherapy and radiotherapy, there has been an improvement in the survival rate of acute lymphoblastic leukemia patients, with a current cure rate of around 70%. Children with the disease have been enrolled into international treatment protocols designed to improve survival and minimize the serious irreversible late effects. Our oncology unit uses the international protocol: GBTLI LLA-85 and 90, with the drugs methotrexate, cytosine, arabinoside, dexamethasone, and radiotherapy. However, these treatments can cause gonadal damage and growth impairment. PATIENTS AND METHOD: The authors analyzed 20 children off therapy in order to determine the role of the various doses of radiotherapy regarding endocrinological alterations. They were divided into 3 groups according to central nervous system prophylaxis: Group A underwent chemotherapy, group B underwent chemotherapy plus radiotherapy (18 Gy, and group C underwent chemotherapy plus radiotherapy (24 Gy. Serum concentrations of LH, FSH, GH, and testosterone were determined. Imaging studies included bone age, pelvic ultrasound and scrotum, and skull magnetic resonance imaging. RESULTS: Nine of the patients who received radiotherapy had decreased pituitary volume. There was a significant difference in the response to GH and loss of predicted final stature (Bayley-Pinneau between the 2 irradiated groups and the group that was not irradiated, but there was no difference regarding the radiation doses used (18 or 24 Gy. The final predicted height (Bayley-Pinneau was significantly less (P = 0.0071 in both groups treated with radiotherapy. Two girls had precocious puberty, and 1 boy with delayed puberty presented calcification of the epididymis. CONCLUSION: Radiotherapy was been responsible for late side effects, especially related to growth and puberty.Nos últimos 20 anos, após o tratamento de pacientes portadores de leucemia linfoblástica aguda, com

  2. Pharyngeal-cervical-brachial variant of Guillain-Barré syndrome: a rare cause of acute bulbar dysfunction in children = Variante faringo-cérvico-braquial da síndrome de Guillain-Barré: uma causa rara de disfunção bulbar aguda em crianças

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Coelho, Joana

    2014-01-01

    Conclusões: Apesar da variante faringo-cervico-braquial ser pouco frequente em idade pediátrica, é um diagnóstico que deve ser considerado perante uma criança com disfunção bulbar aguda, pois a identificação precoce permite instituir rapidamente medidas terapêuticas que podem evitar a morte

  3. Fatores de morbimortalidade na cirurgia eletiva do aneurisma da aorta abdominal infra-renal: experiência de 134 casos Morbidity and mortality factors in the elective surgery of infrarenal abdominal aortic aneurysm: a case study with 134 patients

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Aquiles Tadashi Ywata de Carvalho

    2008-09-01

    Full Text Available CONTEXTO: O tratamento cirúrgico convencional do aneurisma da aorta abdominal (AAA infra-renal pode resultar em complicações graves. A fim de otimizar os resultados na evolução do tratamento, é importante que sejam identificados os pacientes predispostos a determinadas complicações e instituídas condutas preventivas. OBJETIVOS: Avaliar a taxa de mortalidade operatória precoce, analisar as complicações pós-operatórias e identificar os fatores de risco relacionados com a morbimortalidade. MÉTODO: Foram analisados 134 pacientes com AAA infra-renal submetidos a correção cirúrgica eletiva no período de fevereiro de 2001 a dezembro de 2005. RESULTADOS: A taxa de mortalidade foi de 5,2%, sendo secundária principalmente a infarto agudo de miocárdio (IAM e isquemia mesentérica. As complicações cardíacas foram as mais freqüentes, seguidas das pulmonares e renais. A presença de diabetes melito (DM, insuficiência cardíaca congestiva (ICC, insuficiência coronariana (ICO e cintilografia miocárdica positiva para isquemia estiveram associadas às complicações cardíacas. A idade avançada, a doença pulmonar obstrutiva crônica (DPOC e a capacidade vital forçada reduzida aumentaram os riscos de atelectasia e pneumonia. História de nefropatia, tempo de pinçamento aórtico prolongado e níveis de uréia elevados aumentaram os riscos de insuficiência respiratória aguda (IRA. A isquemia dos membros inferiores esteve associada ao tabagismo e à idade avançada, e a maior taxa de mortalidade, à presença de coronariopatia, tempos prolongados de pinçamento aórtico e de cirurgia. CONCLUSÃO: A taxa de morbimortalidade esteve compatível com a literatura nacional e internacional, sendo secundária às complicações cardíacas, respiratórias e renais. Os fatores de risco identificados no pré e transoperatório estiveram relacionados com essas complicações.BACKGROUND: Conventional surgical treatment of infrarenal abdominal

  4. Lesão renal aguda como complicação da ingestão excessiva de suco do fruto biri biri (Averrhoa bilimbi

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Raphael Pereira Paschoalin

    2014-12-01

    Full Text Available O fruto biri-biri pertence à família das Oxalidacae, espécie Averrhoa bilimbi. Este fruto tem um alto conteúdo de oxalato solúvel e é utilizado na culinária, na produção de picles, geleias, e como tratamento para algumas doenças como hipertensão, diabetes e hiperlipidemia. Assim como outros frutos ricos em oxalato, pode provocar lesão renal aguda. Relatamos o caso de um paciente de 50 anos, hipertenso, com função renal normal, que ingeriu uma grande quantidade de suco em jejum para tratamento de hipertensão. O paciente desenvolveu quadro de lesão renal aguda associado a dores lombares, soluços e diarreia. A lesão renal aguda era não oligúrica e teve uma evolução favorável em 10 dias sem necessidade de tratamento dialítico. A função renal retornou ao normal após esses 10 dias de seguimento.

  5. Leucemia promielocítica aguda

    OpenAIRE

    Durigon, Giovanna Steffenello

    2014-01-01

    Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Ciências da Saúde, Programa de Pós-Graduação em Farmácia, Florianópolis, 2014. A leucemia promielocítica aguda (LPA) é um subtipo distinto de leucemia mieloide aguda (LMA), caracterizado pela presença de um acúmulo de promielócitos anormais na medula óssea e/ou sangue periférico, com risco de coagulopatia e a presença da translocação recíproca e balanceada entre os cromossomas 15 e 17 t(15;17)(q22;q12) e variantes. ...

  6. Encefalopatia hipóxico-isquêmica em recém-nascidos a termo: aspectos da fase aguda e evolução Perinatal hypoxic-ischemic encephalopathy: acute period and outcome

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Carolina A. R. Funayama

    1997-01-01

    Full Text Available Noventa e quatro recém-nascidos com encefalopatia hipóxico-isquêmica (EHI, atendidos no Hospital das Clínicas de Ribeirão Preto desde 1982, foram avaliados evolutivamente na fase aguda e por período médio de 47 meses. De 43 casos com EHI 1,40 se recuperaram em 96 horas e 3 faleceram. Dos 40 com EHI II, 37,5% se recuperaram até o sétimo dia e demais permaneceram com alterações. Os 11 casos com grau III faleceram até o segundo mês de vida. As crianças com EHI grau I não apresentaram seqüelas motoras. Do grupo com EHI grau II 34,5% apresentaram paralisia cerebral e 17,7% atraso neuromotor. 80% dos casos com sequela apresentaram exame neurológico anormal além do sétimo dia, na fase aguda da EHI. Epilepsia ocorreu em 17,5% dos casos com EHI grau II e somente no grupo com seqüelas motoras. Teste de QI não evidenciou diferença significativa entre os grupos com grau I, II sem seqüelas motoras e o grupo controle. Com esses dados os autores reafirmaram a importância prognostica da evolução da EHI na fase aguda.Ninety four neonates with hypoxic ischemic encephalopathy HIE attended at the University of Ribeirão Preto since 1982 were studied in terms of the neurological alterations during the acute phase and outcome over a mean period of 47 months. From 43 newborns with HIE I, 40 recovered within 96 hours and 3 died. Among 40 infants with HIE II, 37.5% recovered within the first week, and the others continued abnormal beyond the 7th day. All 11 infants with HIE III died before the second month of life. The HIE I group had no motor sequelae. Among the HIE II group, 34.5% showed cerebral palsy and 17.7% neuromotor retardation. 80.0% of those with sequelae persisted abnormal beyond 7th day of life, during the acute phase of the HIE. Epilepsy occurred in 17.5% of cases with HIE grade II, only among those with neuromotor sequelae. The 1Q test did not show statistically significant difference between the HIE I, II without motor sequelae

  7. Estado nutricional de crianças e adolescentes sobreviventes de leucemia linfoide aguda tratados em um Centro de Referência da Região Nordeste do Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Bianca Araújo de Oliveira

    2013-06-01

    Full Text Available OBJETIVO: Avaliar o estado nutricional e os fatores clínicos, laboratoriais e comportamentais associados ao excesso de peso em crianças e adolescentes sobreviventes de leucemia linfoide aguda, tratados em um centro de referência da Região Nordeste do Brasil. MÉTODOS: Estudo de série de casos com 30 sobreviventes de leucemia linfoide aguda. Entre os meses de março e setembro de 2011, foram coletados dados clínicos, comportamentais e laboratoriais. O diagnóstico antropométrico foi realizado em três ocasiões distintas: no momento do diagnóstico, no término do tratamento, e no período pós-tratamento, a partir dos índices altura/idade e índice de massa corporal/idade, segundo a Organização Mundial de Saúde. RESULTADOS: A amostra tinha idade média de 10,2 anos (DP=3,2. Observou-se que 33,3% dos sobreviventes tinham excesso de peso no início e no término do tratamento. No período pós-tratamento, encontrou-se aumento significante do escore-Z de índice de massa corporal/idade, e uma frequência de 43,3% de excesso de peso, além de 16,6% e 35,5% de obesidade abdominal por meio da circunferência da cintura e razão cintura/estatura respectivamente. O crescimento linear foi significativamente diminuído quando comparado os escores-Z de altura/idade no início e no término do tratamento. Na análise dos dados laboratoriais, obtiveram-se 52,1% com colesterol total acima do recomendado. Entretanto, 58,3%, 66,7% e 79,2% evidenciaram, respectivamente, Lipoproteína de Alta Densidade e Lipoproteína de Baixa Densidade-colesterol e triglicerídeo na faixa considerada desejável. CONCLUSÃO: Os sobreviventes de leucemia linfoide aguda analisados apresentaram maior risco para o desenvolvimento de doenças crônicas não transmissíveis uma vez que apresentam frequência importante de excesso de peso, obesidade abdominal e colesterol total elevado.

  8. Análise da correlação entre síndrome de pseudo-exfoliação e aneurisma de aorta abdominal Analysis of correlation between pseudoexfoliation syndrome and aneurysm of the abdominal aorta

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Paulo de Tarso Ponte Pierre Filho

    2004-06-01

    Full Text Available OBJETIVO: Examinar a correlação sugerida entre síndrome de pseudo-exfoliação e aneurisma de aorta abdominal. MÉTODOS: Sessenta e cinco pacientes recentemente operados por aneurisma de aorta abdominal e 51 controles com aterosclerose periférica, sem aneurisma, submeteram-se ao exame oftalmológico sob dilatação pupilar para investigar a presença de síndrome de pseudo-exfoliação. RESULTADOS: Não houve diferenças estatisticamente significantes entre a média de idade, distribuição por sexo e raça entre os 2 grupos (p > 0,05. Dois dos 65 pacientes com aneurisma de aorta e um dos 51 controles apresentaram síndrome de pseudo-exfoliação (p = 1,00. CONCLUSÃO: A prevalência de síndrome de pseudo-exfoliação em pacientes operados por aneurisma de aorta abdominal e em pacientes com aterosclerose periférica foi similar. Este achado não confirma a associação proposta entre síndrome de pseudo-exfoliação e aneurisma de aorta abdominal.PURPOSE: To investigate the suggested association between pseudoexfoliation syndrome and aneurysm of the abdominal aorta. METHODS: 65 patients recently operated for abdominal aortic aneurysm and 51 controls with peripheral atherosclerosis, without aneurysm, underwent an ophthalmologic examination under pupillary dilatation to detect the presence of pseudoexfoliation syndrome. RESULTS: There were no significant differences regarding mean age and distribution by gender and race between the groups (p > 0.05. Two of 65 patients with aortic aneurysm and one of 51 controls presented pseudoexfoliation syndrome (p = 1.00. CONCLUSION: The prevalence of pseudoexfoliation syndrome in patients operated for abdominal aortic aneurysm and in patients with peripheral atherosclerosis were similar. This finding does not support the proposed association between pseudoexfoliation syndrome and abdominal aortic aneurysm.

  9. A eficácia e segurança da fisioterapia respiratória no tratamento da bronquiolite aguda em crianças até 2 anos de idade: revisão sistemática

    OpenAIRE

    Costa, Daniel

    2010-01-01

    Contexto: a bronquiolite aguda é a principal patologia a afectar a criança nos primeiros 2 anos de vida, a fisioterapia respiratória é uma intervenção terapêutica utilizada com a intenção de melhorar o curso desta doença mantendo-se a incerteza sobre a sua eficácia. Objectivo: determinar a eficácia e segurança da fisioterapia respiratória em crianças com menos de 2 anos com bronquiolite aguda. Fontes de Informação: Medline (1966 a Agosto 2010), EMBASE(1990 a Agosto 2010), Pe...

  10. Tratamento homeopático da hepatotoxicose aguda induzida por tetracloreto de carbono em coelhos Homeopatic treatment of acute carbon tetrachloride induced hepatotoxicity in rabbits

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria Cecília Ribeiro Moncorvo

    1998-09-01

    Full Text Available Quinze (15 coelhos (Oryctolagus cuniculus foram submetidos à intoxicação pelo tetracloreto de carbono na dosagem de 0,5 ml/kg de peso corporal, dose única, administrado por sonda gástrica. Foram realizadas as dosagens de alanina amino transferase (ALT, aspartato amino transferase (AST, fosfatase alcalina (FA e gama glutamil transferase (GGT antes e durante o experimento. Vinte e quatro (24 horas após a intoxicação, os coelhos foram divididos aleatoriamente em três grupos de 5 animais. Cada grupo recebeu um tratamento diferente durante 13 dias. O grupo I foi tratado com tetracloreto de carbono diluído na 30ª centesimal hahnemanniana (30 CH, uma vez ao dia. O grupo II recebeu Phosphorus 30 CH, também uma vez ao dia. O grupo III desempenhou o papel de controle, recebendo diariamente uma dose de placebo, pelo mesmo período de tempo que os grupos anteriores. Os resultados das concentrações séricas de ALT, AST, GGT e FA foram submetidos à análise estatística. A variação da concentração de todas as enzimas foi significativa entre os dias, mas nem todas variaram significativamente entre os grupos considerados. O tetracloreto de carbono 30 CH foi capaz de acelerar a recuperação do quadro de hepatite tóxica aguda determinada pela redução dos níveis de ALT. O tratamento com Phosphorus 30 CH mostrou-se incapaz seja de reverter o quadro de hepatite tóxica, seja de acelerar a regeneração hepática.Fithteen (15 New Zeland and Californian rabbits (Oryctolagus cuniculus were submitted to intoxication with carbon tethracloride in a dose 0/0.5 ml/kg, once a day, administred by orogastric sonde. Enzimatic parameters: alanine aminotransferase (ALT, aspartate aminotransferase (AST, alkaline phosphatase and gamma-glutamyltransferase of those rabbits were tested before and during the experiment. After the intoxication, the rabbits were divided in three groups of five animals. Each group received differents treatments during 13 days. The

  11. Immunoelectron microscopy study of superficial skin nerves in drug-induced acute urticaria Estudo de microscopia imunoeletrônica dos nervos superficiais da pele na urticária aguda induzida por medicamentos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Paulo Ricardo Criado

    2012-06-01

    Full Text Available BACKGROUND: Few studies have evaluated the ultrastructure of the superficial skin nerves in urticaria. OBJECTIVE: The objective of this study was to describe findings in superficial skin nerves in cases of drug-induced acute urticaria. METHODS: Seven patients with drug-induced acute urticaria were included in the study. Skin biopsies were obtained from the urticarial lesion and from the apparently normal skin. The 14 fragments collected were processed for immunogold electron microscopy using single stains for antitryptase and anti-FXIIIa antibodies, as well as double immunogold labeling for both. RESULTS: Some sections showed mast cells in the process of degranulation. Following double immunogold staining, 10 nm (FXIIIa and 15 nm (Tryptase gold particles were found together throughout the granules in mast cells, indicating that tryptase and FXIIIa are located inside each one of the granules of these cells. Interestingly, we found strong evidence of the presence of tryptase and factor XIIIa in the superficial skin nerves of these patients, both in cases of urticarial lesions (wheals and in the apparently normal skin. CONCLUSIONS: Tryptase and FXIIIa are present in the superficial nerves of the skin in drug-induced acute urticaria. This is the first report of tryptase and FXIIIa expression in the superficial skin nerves of patients with urticaria. Tryptase may be participating in neural activation in these patients, while FXIIIa may be present in the nerves to guarantee the functional integrity of structures.FUNDAMENTOS: Poucos autores têm estudado a ultraestrutura dos nervos superficiais na urticária. OBJETIVO: Descrever os achados nos nervos cutâneos superficiais em casos de urticária aguda induzida por medicamentos. MÉTODOS: Sete pacientes com urticária aguda induzida por medicamentos foram incluídos no estudo. Foram obtidas biopsias da pele da lesão urticariforme e da pele aparentemente normal. Os 14 fragmentos coletados foram

  12. Associação de paralisia diafragmática bilateral e paralisia da cintura escapular após correção de aneurisma de aorta: relato de caso

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    MALBOUISSON Luiz Marcelo Sá

    2001-01-01

    Full Text Available A associação de paralisia diafragmática bilateral e paralisia da cintura escapular é uma complicação rara após correção de aneurisma de aorta ascendente. Esta associação leva à uma forma grave de insuficiência respiratória cujo sucesso do desmame da ventilação mecânica é dependente da capacidade da musculatura respiratória remanescente em compensar o trabalho respiratório excedente. Fisioterapia respiratória intensiva com treinamento da musculatura, correção dos distúrbios metabólicos, tratamento das infecções respiratórias associadas à ventilação mecânica e otimização do suporte nutricional foram fundamentais para o sucesso do desmame.

  13. Tratamento cirúrgico das dissecções de aorta tipo A utilizando parada cardiocirculatória total com hipotermia profunda Surgical treatment of type A aortic dissections utilizing total cardiocirculatory arrest with deep hypothermia

    OpenAIRE

    Luciano Cabral Albuquerque; Marco Antônio Goldani; Juremir João Goldani; Ricardo Medeiros Piantá; Rubens Lorentz Araújo; João Batista Petracco

    1993-01-01

    No período de julho de 1986 a julho de 1993, 22 pacientes portadores de dissecção de aorta tipo A foram tratados cirurgicamente utilizando-se parada cardiocirculatória (PCC) total sob hipotermia profunda (18ºC), dos quais 15 apresentavam dissecção aguda e 7 dissecção crônica. Em 14 casos (64%) a aorta ascendente foi reconstruída utilizando-se enxerto reto de Dacron, com troca valvar aórtica em 5 pacientes e ressuspensão valvar aórtica em 2; a reconstrução do arco aórtico foi empregada em 8 ca...

  14. Impacto da insuficiência renal aguda na evolução hospitalar após tratamento percutâneo do infarto agudo do miocárdio

    OpenAIRE

    Santos,Luciano Nunes dos; Conejo,Fabio; Feitosa Filho,Francisco Hedilberto; Campos,Carlos Augusto Homem de Magalhães; Mariani Junior,J.; Takimura,Celso Kiyochi; Esteves Filho,Antônio; Silva,Expedito Eustáquio Ribeiro da; Kalil Filho, Roberto; Lemos Neto,Pedro Alves

    2013-01-01

    INTRODUÇÃO: A insuficiência renal aguda (IRA) é uma complicação possível após intervenção coronária percutânea (ICP). O objetivo deste estudo foi avaliar a ocorrência e o impacto prognóstico da IRA pós-ICP em pacientes com infarto agudo do miocárdio com supradesnivelamento do segmento ST (IMCSST). MÉTODOS: Registro unicêntrico, que analisou a evolução hospitalar de 501 pacientes admitidos com IMCSST submetidos à ICP primária, de resgate ou tardia. Foram avaliados a incidência e os preditores ...

  15. Comportamento do tronco na fase inicial da sequência de movimento de sentado para de pé, em indivíduos com Acidente Vascular Encefálico, em fase aguda

    OpenAIRE

    Barbosa, Marta

    2013-01-01

    As alterações do controlo postural do tronco observadas em indivíduos pós acidente vascular encefálico (AVE) podem traduzir-se em dificuldades na realização da sequência de movimento de sentado para de pé (STS). Desta forma, o presente estudo teve como objetivo descrever o comportamento do tronco, durante a primeira fase do STS, em cinco indivíduos pós-AVE, em fase aguda. Para tal, os indivíduos foram avaliados em dois momentos, antes (M0) e após (M1) um período de intervenção de 3 meses. ...

  16. Estudo epidemiológico e avaliação de fatores de risco da infecção por Toxoplasma gondii e achados clinico-patológicos da infecção aguda em cães admitidos em um Hospital Escola Veterinário

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Angelita D. Strital

    Full Text Available RESUMO: Esse trabalho teve como objetivo estudar a prevalência e respectivos fatores de risco para infecção do Toxoplasma gondii em cães provenientes de uma população hospitalar. Além disso, avaliou-se as taxas de ocorrência e as repercussões clínico-patológicas da infecção aguda pelo T. gondii nesses animais. Anticorpos foram detectados em 7% (26/386 da população estudada, composta de 386 cães de ambos os sexos e diferentes raças e idades. Somente as variáveis, ingestão de vísceras, origem rural e contato com bovinos apresentaram valores significativos com p<0.05. Adicionalmente os cães de origem rural apresentaram maiores risco (OD=7.00 de infecção do que aqueles de origem urbana. Em 6,5% (25/386 foram detectados títulos de contato (entre 16 e 256; esses títulos não significam necessariamente infecção aguda e sim apenas exposição prévia. É de fundamental importância o reconhecimento da infecção prévia por T. gondii nesses pacientes hospitalares. Dependendo da causa da admissão, mesmo não sendo a toxoplasmose a responsável, o paciente deve receber o tratamento anti-protozoário profilaticamente ou ser monitorado para posterior tratamento em caso de reagudização da enfermidade por recrudescência dos bradizoítos encistados. Apenas um animal (3.44%, 1/386 foi admitido com titulação elevada, o qual pode ser sugestivo de infecção aguda (titulo de 4096. Embora o animal com infecção aguda tenha sido apresentado com sinais neurológicos, cautela é necessária para não extrapolar uma falsa interpretação que a toxoplasmose é a grande responsável por quadros neurológico, uma vez que inúmeros outros casos incluídos nesse estudo tinham manifestações neurológicas e não tinham títulos de infecção aguda, nem mesmo título de contato prévio. A toxoplasmose aguda não foi uma afecção clínica expressiva nessa ambiência hospitalar, no entanto diagnóstico diferencial deve ser feito nos pacientes

  17. Is rhabdomyolysis an additional factor in the pathogenesis of acute renal failure in leptospirosis? É a rabdomiólise um fator adicional na patogônese da insuficiencia renal aguda na leptospirose?

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Reinaldo Martinelli

    1994-04-01

    Full Text Available Leptospirosis is an important cause of acute renal failure in our environment. Although several mechanisms are implicated, the role of rhabdomyolysis in the pathogenesis of acute renal failure in leptospirosis has not been analysed. Sixteen patients with the diagnosis of leptospiroses consecutively admitted to the hospital were prospectively studied. The disease was characterized by sudden onset in all patients and, at admission, jaundice, conjunctival suffusion and myalgias. Mild to moderate proteinuria with unremarkable urinary sediment was recorded in 37.5% of the patients and abnormal levels of urea creatinine were found in 87.5% and 74.0%, respectively. Increased levels of aminotranspherase were documented in all 12 and CPK in all 10 patients studied. Serum myoglobin levels greater than 120µg/l recorded in 56.2%. A correlation between myoglobin and renal failure or severity of disease, however, could not be established.Leptospirose é uma importante causa de insuficiência renal aguda, em nosso ambiente. Embora vários sejam os mecanismos implicados, o papel da rabdomiólise na patogênese da insuficiência renal aguda na leptospirose ainda não foi analisado. Com esse objetivo, 16 pacientes com o diagnóstico da forma icterohemorrágica da leptospirose consecutivamente admitidos no Hospital Couto Maia, Salvador, Bahia, foram prospectivamente estudados. A doença foi caracterizada por início súbito e, à admissão, ictericia, sufusões hemorrágicas conjuntivais e mialgias. Proteinúria de intensidade média a moderada com sedimento urinário inexpressivo foi observada em 37,5% dos pacientes e níveis séricos elevados de uréia e creatinina em 78,5% e 74,0%, respectivamente. Níveis aumentados de aminotransferase foram documentados em todos os 12 e de CPK em todos os 10 pacientes avaliados para essas enzimas. Níveis séricos maiores que 120µg/l foram observados em 56,2% dos pacientes. Não foram encontradas correlações, entretanto

  18. Involução de artérias colaterais aneurismáticas após a correção da coarctação da aorta Involution of aneurysmal collateral arteries after correction of aortic coarctation

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ricardo B. Corso

    2008-12-01

    Full Text Available Paciente de 47 anos de idade, com diagnóstico de coarctação da aorta, foi submetido ao implante de tubo extra-anatômico por toracotomia esquerda. Dez anos após o procedimento, o paciente retorna com hipertensão arterial de difícil controle relacionada a coarctação da aorta residual, obstrução do tubo e múltiplos aneurismas de artérias colaterais entre a artéria subclávia e a aorta. O paciente foi submetido então a correção extra-anatômica entre a aorta ascendente e a descendente por esternotomia mediana, com auxílio de circulação extracorpórea convencional. Sua recuperação pós-operatória foi boa, e houve involução completa de todas as artérias colaterais aneurismáticas após a operação.A 47 year-old man with aortic coarctation had undergone extra-anatomic bypass through a left thoracotomy. He presented 10 years later with uncontrolled arterial hypertension due to residual aortic coarctation, graft obstruction and multiple collateral artery aneurysms between the subclavian artery and the aorta. He underwent extra-anatomic correction between the ascending aorta to descending aorta through a median sternotomy with the aid of conventional cardiopulmonary bypass. His postoperative recovery was unremarkable, and there was complete involution of all aneurysmal collateral arteries after the operation.

  19. O uso da ultra-sonografia no diagnóstico e evolução da apendicite aguda Ultrasonography in the diagnosis and evolution of acute appendicitis

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Arquimedes Artur Zorzetto

    2003-03-01

    Full Text Available OBJETIVO: Aproximadamente 35% das apendicites agudas têm diagnóstico clínico pré-operatório duvidoso ou incorreto, particularmente grávidas e crianças. A ultra-sonografia, em virtude do seu baixo custo e facilidade de acesso, tem-se mostrado um método diagnóstico importante. Este estudo propôs-se a demonstrar os principais achados de imagem das diversas fases da apendicite, com o objetivo de auxiliar o ultra-sonografista no diagnóstico precoce desta afecção. MATERIAIS E MÉTODOS: São relatados 14 casos de ultra-sonografias abdominais realizadas no período de janeiro a julho de 2001, em pacientes que se apresentavam com quadro de abdome agudo. O exame foi realizado com transdutores de 3,5 MHz e 7,5 MHz. RESULTADOS: O estudo ultra-sonográfico antes da perfuração demonstra apêndice não compressível, com espessamento e perda focal da definição das paredes. Após a perfuração, o apêndice pode não ser visualizado ao exame de ultra-sonografia, sendo evidenciadas alterações secundárias como efeito de massa, formação de plastrão, liquefação e formação de abscesso, além de ar dentro da coleção. CONCLUSÃO: O diagnóstico precoce da apendicite é essencial para minimizar a morbidade, que se mantém elevada se ocorrer perfuração. Apresentações atípicas resultam em confusão diagnóstica e retarde no tratamento. As principais dificuldades e erros são apendicite retrocecal, apendicite focal ou perfurada.OBJECTIVE: Approximately 35% of the patients with acute appendicitis have a doubtful or incorrect preoperatory diagnosis, particularly in pregnant women and children. Ultrasonography has demonstrated to be an important means of diagnosis due to its low cost and easy access. This study is intended to show the main imaging findings of the many phases of appendicitis, thus helping the ultrasonographist to establish an early diagnosis. MATERIALS AND METHODS: From January to June 2001, 14 patients with acute abdominal

  20. Do paradigma molecular ao impacto no prognóstico: uma visão da leucemia promielocítica aguda From the molecular model to the impact on prognosis: an overview on acute promyelocytic leukemia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rafael Henriques Jácomo

    2008-02-01

    Full Text Available A leucemia promielocítica aguda (LPA é um modelo da aplicabilidade clínica dos conhecimentos moleculares fisiopatológicos. Caracteriza-se por alterações genéticas recorrentes que envolvem o gene do receptor alfa do ácido retinóico. A conseqüência é uma proteína com sensibilidade reduzida ao ligante, com bloqueio da diferenciação mielóide. Entretanto, doses suprafisiológicas do ácido all-trans-retinóico (ATRA são capazes de suplantar esta deficiência, e este é o princípio fundamental do tratamento da LPA, permitindo uma sobrevida livre de doença acima de 80% quando adequadamente tratada. Epidemiologicamente, difere dos demais subtipos de leucemia mielóide aguda por apresentar incidência predominante em adultos jovens e, aparentemente, maior incidência em países de colonização "latina". Contrastando com os excelentes resultados observados em países desenvolvidos, a mortalidade por LPA no Brasil ainda é alta, apesar da ampla disponibilidade das medicações no país.Acute promyelocytic leukemia (APL is a model of clinical applicability of the knowledge of molecular physiopathology. It is characterized by recurrent genetic involvement of the retinoic acid alpha receptor. The consequence is a protein with low sensibility to its ligand and a myeloid maturation arrest. However, higher doses of all-trans-retinoic acid (ATRA are able to supersede this deficiency and this is the mainstay of APL treatment leading to over 80% disease free survival, when adequately treated. Epidemiologically, it differs from other acute myeloid leukemia due to a higher incidence in young adults and in countries of "Latin" colonization. Differing from excellent results observed in developed countries, APL mortality in Brazil is still high, despite the wide availability of drugs.

  1. Exacerbação aguda da DPOC: mortalidade e estado funcional dois anos após a alta da UTI Patients admitted to the ICU for acute exacerbation of COPD: two-year mortality and functional status

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cassiano Teixeira

    2011-06-01

    Full Text Available OBJETIVO: Determinar a taxa de mortalidade de pacientes com DPOC e avaliar o estado funcional dos sobreviventes dois anos após a alta da UTI. MÉTODOS: Estudo de coorte prospectiva realizada nas UTIs de dois hospitais na cidade de Porto Alegre (RS com pacientes com exacerbação aguda de DPOC e internados em UTI entre julho de 2005 e julho de 2006. Dois anos após a alta, os sobreviventes foram entrevistados via telefone. Os dados obtidos foram utilizados na determinação dos escores da escala de Karnofsky e de uma escala de atividades de vida diária (AVD. RESULTADOS: Foram incluídos 231 pacientes. A mortalidade hospitalar foi de 37,7% e a mortalidade extra-hospitalar foi de 30,3%. Dos 74 sobreviventes, foram entrevistados 66 (89%. A média de idade dos pacientes no momento da internação na UTI era de 74 ± 10 anos e a do escore Acute Physiology and Chronic Health Evaluation II era de 18 ± 7. Tinham duas ou mais comorbidades 87,8% dos pacientes. Dos 66 entrevistados, 57 (86,3% viviam em suas casas, 58 (87,8% eram capazes de realizar seu autocuidado, 12 (18,1% utilizavam oxigenoterapia, e 4 (6,1% necessitavam suporte ventilatório. Houve uma significante redução na qualidade de vida e na autonomia, segundo os escores da escala de Karnofsky (85 ± 9 vs. 79 ± 11; p = 0,03 e de AVD (29 ± 5 vs. 25 ± 7; p = 0,01, respectivamente. CONCLUSÕES: A mortalidade desta amostra de pacientes foi muito elevada nos primeiros dois anos. Embora houvesse evidente redução do estado funcional dos sobreviventes, os mesmos preservaram a capacidade de realizar seu autocuidadoOBJECTIVE: To assess ICU patients with COPD, in terms of in-hospital characteristics, two-year mortality and two-year functional status of survivors. METHODS: A prospective cohort study involving patients with acute exacerbation of COPD admitted to the ICUs of two hospitals in the city of Porto Alegre, Brazil, between July of 2005 and July of 2006. At two years after discharge

  2. Estudo parasitológico e anátomo-patológico da fase aguda da doença de Chagas em cães inoculados com duas diferentes cepas do Trypanosoma cruzi

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria Alice Pedreira de Castro

    1985-12-01

    Full Text Available Cães jovens foram infectados com as cepas Y e CL do T. cruzi usando-se como inóculos 107 formas sangüíneas inoculadaspor via intraperitoneal e 2 x 10³ tripomastigotas metacíclicos obtidos do inseto vetor e inoculadospor via conjuntival. As cepas Ye CL induziram nos cães curvas deparasitemia totalmente distintas, confirmando dados parasitológicos obtidos em camundongos e coelhos. Com a cepa CL a parasitemia, com ambos os inóculos, foi gradualmente ascencional ao passo que com Y a parasitemia foi extremamente baixa, irregular e, com freqüência, subpatente. Com ambas as cepas o parasitismo e as lesões predominaram no miocárdio. Entretanto, com a cepa Y a miocardite foi sempre intensa desde as fases mais precoces da infecção, ao passo que com a cepa CL o processo inflamatório tomou-se acentuado somente a partir do 20.° dia. Freqüentemente a intensidade da miocardite observada em alguns animais não guardava relação com a parasitemia; em alguns cães com parasitemia subpatente, nos quais a infecção só foi diagnosticada pelo xenodiagnóstico, a intensidade da miocardite foi comparável àquela observada nos animais com parasitemia patente. Idêntica correlação também não foi assinalada em relação ao parasitismo tissular. Esses achados sugerem a participação de mecanismo imunológicos na gênese das lesões, ainda na fase aguda da infecção.Young dogs were inoculated with T. cruzi Y and CL strains either by intraperitoneal route with 107 blood forms or by ocular route with 2 x 10³ vector-derived trypomastigotes. With both inocula the patterns of parasitemia were significantly different, confirming data previously obtained in experimentally infected mice and rabbits. CL strain induced a gradual ascencional parasitemia whereas with Y the parasitemia was either subpatent or the number of parasites was very low, rapidly declining. Although myocarditis was present in most animals regardless of the strain used, the

  3. Tratamento cirúrgico das lesões da aorta torácica utilizando parada circulatória total hipotérmica com perfusão cerebral retrógrada Surgical treatment of the pathologies involving thoracic aorta using deep hypothermic total circulatory arrest with retrograde cerebral perfusion

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Domingo M Braile

    1992-06-01

    Full Text Available De setembro de 1991 a fevereiro de 1992, foram operados nove pacientes com lesões da aorta torácica, usando parada circulatória total (PCT hipotérmica profunda com perfusão cerebral retrógrada (PCR, sendo seis do sexo masculino e três do feminino, com idade variando de 45 a 80 anos. Quatro deles tinham dissecção tipo A, três tinham aneurisma verdadeiro de aorta, um tinha uma associação de aneurisma verdadeiro com dissecção tipo A e um tinha ectasia ânulo-aórtica associada a dissecção tipo B. A técnica utilizada foi a instalação da circulação extracorpórea (CEC tipo cava-cava-femoral com hipotermia profunda e parada circulatória total. Utilizou-se cardioplegia retrógrada sangüínea como método de preservação de miocárdio. Durante a PCT foi feita PCR usando a linha arterial conectada à cânula da VCS, com fluxo de 250 a 300 ml/min, com PVC monitorizada no membro superior variando entre 30 e 40 cmH2O. A correção cirúrgica foi feita com tubo e patch de pericárdio bovino associados a cola biológica. O tempo de CEC variou de 75 até 169 min, com PCT de 32 até 79 min. e com PCR de 32 até 79 min. Não houve óbito associado ao ato operatório e nem ao pós-operatório (PO imediato. Houve apenas um óbito tardio por septicemia. Demais pacientes em seguimento ambulatorial. Os resultados obtidos representam um forte indicador de que a PCT com PCR protege o cérebro de forma mais eficiente que a PCT convencional, sendo vantajosa no tratamento cirúrgico das afecções da aorta torácica que requerem PCT.From September 1991 to February 1992, nine patients presenting thoracic aorta pathologies were submitted to surgery using deep hypothermic total circulatory arrest with retrograde cerebral perfusion. Six patients were male and three female, with ages ranging from 45 to 80 years. Four had type A dissection, three had true aorta aneurysm, one had true aneurysm associated with type A dissection and one had anulusaorta

  4. Influência da idade no tempo de internação e no grau evolutivo das apendicites agudas Age influence in hospital stay length and acute apendicitis evolution grade

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marcelo Wilson Rocha Almeida

    2006-10-01

    Full Text Available OBJETIVO: Comparar o grau evolutivo da apendicite determinada pela inspeção trans-operatória com o resultado anatomopatológico, e identificar alguma relação entre a idade, grau evolutivo da apendicite aguda e o tempo de internação hospitalar. MÉTODO: Análise retrospectiva dos prontuários de 199 pacientes submetidos a apendicectomia entre o período de outubro de 2003 a agosto de 2004, quanto à idade, sexo, tempo de internação e a fase do processo inflamatório segundo anatomopatológico das peças. RESULTADOS: A análise foi possível em 182 casos. Nestes pacientes, a distribuição quanto ao sexo mostrou maior incidência em homens, com 54,4% casos; a mediana da idade foi de 20 anos, sendo a faixa etária mais prevalente entre os 11-20 anos com 36,22% dos casos. A mediana do tempo de internação foi de três dias. Houve uma diferença significativa do tempo de internação de acordo com a faixa etária dos pacientes, sendo que os pacientes acima de 60 anos tiveram maior tempo de internação. O anatomopatológico evidenciou 73,62% casos de apendicite supurada, 13,73% apendicite branca, 7,14% gangrenosa, 4,49% catarral e 0,54% neoplásico, confirmando o diagnóstico de apendicite em 86,24%. O tempo de internação e a idade não foram significativamente diferentes entre os graus evolutivos da apendicite aguda. CONCLUSÕES: A apendicite aguda ocorre com maior freqüência nos pacientes jovens e do sexo masculino. Os pacientes idosos permanecem mais tempo internados, porém não houve diferença na idade nem tempo de internação em relação aos vários graus evolutivos da apendicite.BACKGROUND: To study appendicitis evolution grade in comparison with intraoperative inspection and pathological results. Also a relationship between age and hospital stay length is reviewed. METHODS: Retrospective analysis of 199 patients submitted to appendicectomy between October 2003 through August 2004 using: age, sex, length of hospital stay and

  5. Renal function and histology after acute hemorrhage in rats under dexmedetomidine action Função e histologia renais após hemorragia aguda em ratos sob ação da dexmedetomidina

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marco Aurelio Marangoni

    2007-08-01

    Full Text Available PURPOSE: About 50 % of indications for dialysis in acute renal failure are related to problems originated during the perioperative period. Intraoperative hemodynamic changes lead to renal vasoconstriction and hypoperfusion. Previous studies have not defined the dexmedetomidine renal role in hemorrhage situations. This study evaluated the effect of dexmedetomidine on renal function and histology after acute hemorrhage in rats. METHODS: Covered study with 20 Wistars rats, anesthetized with sodium pentobarbital, 50 mg. kg-1, intraperitoneal, randomized into 2 groups submitted to 30% volemia bleeding: DG - iv dexmedetomidine, 3 µg. kg-1 (10 min and continuous infusion - 3 µg. kg-1. h-1; CG - pentobarbital. For renal clearance estimative, sodium p-aminohippurate and iothalamate were administered. Studied attributes: heart rate, mean arterial pressure, rectal temperature, hematocrit, iothalamate and p-aminohippurate clearance, filtration fraction, renal blood flow, renal vascular resistance, and histological evaluations of the kidneys. RESULTS: DG showed smaller values of heart rate, mean arterial pressure, and renal vascular resistance, but iothalamate clearance and filtration fraction values were higher. There was similarity in p-aminohippurate clearance and renal blood flow. Both groups had histological changes ischemia-like, but dexmedetomidine determined higher tubular dilatation scores. CONCLUSION: In rats, after acute hemorrhage, dexmedetomidine determined better renal function, but higher tubular dilation scores.OBJETIVO: Cerca de 50% de indicações de diálise em insuficiência renal aguda vêm de problemas do perioperatório. Alterações na hemodinâmica intra-operatória levam a vasoconstrição renal e hipoperfusão. Estudos prévios não definiram o papel renal da dexmedetomidina em hemorragia. Foram estudados os efeitos da dexmedetomidina na função e histologia renais, em ratos, após hemorragia aguda. MÉTODOS: Estudo encoberto

  6. Características epidemiológicas e genéticas associadas à gravidade da bronquiolite viral aguda pelo vírus sincicial respiratório

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Alfonso E. Alvarez

    2013-12-01

    Full Text Available OBJETIVO: avaliar os fatores epidemiológicos e genéticos associados à gravidade da Bronquiolite Viral Aguda (BVA pelo Vírus Sincicial Respiratório (VSR. FONTE DOS DADOS: foram utilizados descritores "bronchiolitis", "risk factor", "genetics" e "respiratory syncytial virus" e todas as combinações entre eles, nas bases de dados PubMed, SciELO e Lilacs publicados após o ano de 2000 e que incluíram indivíduos menores de dois anos de idade. SÍNTESE DOS DADOS: foram encontrados 1.259 artigos e lidos seus respectivos resumos. Destes foram selecionados 81 que avaliaram fatores de risco para a gravidade da BVA para leitura na íntegra, e foram incluídos os 60 estudos mais relevantes. Os fatores epidemiológicos associados com a gravidade da BVA pelo VSR foram: prematuridade, tabagismo passivo, baixa idade, ausência de aleitamento materno, doença pulmonar crônica, cardiopatia congênita, sexo masculino, etnia, coinfecção viral, baixo peso na admissão hospitalar, tabagismo materno na gestação, dermatite atópica, ventilação mecânica no período neonatal, antecedente materno de atopia e/ou asma na gestação, estação do nascimento, baixo nível socioeconômico, síndrome de Down, poluição ambiental, morar em altitude acima de 2.500 metros do nível do mar e parto cesariana. Em contrapartida, algumas crianças com BVA grave não apresentam nenhum desses fatores de risco. Neste sentido, estudos recentes têm verificado a influência de fatores genéticos relacionados à gravidade da BVA pelo VSR. Polimorfismos dos genes TLRs, RANTES, JUN, IFNA5, NOS2, CX3CR1, ILs e VDR têm-se mostrado associados com a evolução mais grave da BVA pelo VSR. CONCLUSÃO: a gravidade da BVA pelo VSR é um fenômeno dependente da interação entre variáveis epidemiológicas, ambientais e genéticas em seus diferentes graus de interação.

  7. Prevalência de dilatação da aorta abdominal em coronariopatas idosos Prevalence of abdominal aortic dilatation in patients aged 60 years or older with coronary disease

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Guilherme Vieira Meirelles

    2007-06-01

    Full Text Available CONTEXTO: A realização de programas de triagem para o aneurisma da aorta abdominal de forma indiscriminada auxiliará uma pequena porcentagem de indivíduos, mas ao considerarmos grupos com fatores de risco relacionados à dilatação da aorta, aumentando a probabilidade da doença, este permitirá um direcionamento adequado dos recursos e um benefício maior à população. Programas direcionados pelas sociedades médicas, permitindo um diagnóstico precoce das doenças vasculares e conseqüentemente um melhor preparo do doente, promoveriam melhores taxas de sobrevida com menor morbidade. OBJETIVO: Avaliar a prevalência da dilatação da aorta abdominal em uma amostra de pacientes idosos com mais de 60 anos de idade, portadores de coronariopatia aterosclerótica diagnosticada por cineangiocoronariografia. MÉTODOS: Para a seleção dessa amostra, levou-se em consideração o fato de que a avaliação pré-operatória de cirurgia vascular não tenhasido a indicação do cateterismo. Procedeu-se então a avaliação, baseada na anamnese, exame físico e Doppler ultra-som da aorta abdominal. A análise estatística iniciou-se com o teste qui-quadrado, com a posterior análise de regressão logística multivariada e regressão logística univariada, considerando significativo um p BACKGROUND: Indiscriminate screening programs for abdominal aortic aneurysm will help a small percentage of individuals. However, when considering groups with risk factors associated with aortic dilatation, which increases the probability of the disease, such programs will provide an adequate allocation of resources and a greater benefit to the population. Programs guided by medical societies, providing an early diagnosis of vascular diseases and consequently a better preparation of patients, would result in better survival rates with lower morbidity. OBJECTIVE: To evaluate the prevalence of abdominal aortic dilatation in patients aged 60 years or older with

  8. Uso do pericárdio autólogo para reforço da aortorrafia no tratamento cirúrgico da valva aórtica The use of autologous pericardium to reinforce the aorta suture in the surgical treatment of the aortic valve

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marco Antonio Vieira Guedes

    2004-12-01

    Full Text Available O reparo da aortotomia no tratamento cirúrgico da valva aórtica pode ser realizado por meio de diferentes técnicas. Em alguns casos, porém, a aorta ascendente encontra-se aterosclerótica, fina e friável, aumentando o risco de rotura no pós-operatório imediato e formação tardia de aneurismas. Este trabalho descreve uma técnica de reforço da aortorrafia com a utilização de pericárdio autólogo e seus resultados, através da análise retrospectiva de 23 casos realizados no Instituto do Coração de São Paulo, entre 1999 e 2003.The repair of the aortotomy in the surgical treatment of aortic valve can be achieved using different techniques. Nevertheless, in some cases, the ascending aorta is atherosclerotic, thin and friable, making the risk of aorta rupture and late aneurysm development higher. This article describes the technique and the results obtained from the reinforcement of aortic suture with autologous pericardium by retrospective analysis of 23 cases from the Heart Institute of São Paulo, between 1999 and 2003.

  9. Gingivitis ulceronecrosante aguda

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Eduardo de la Teja-Ángeles

    2015-11-01

    Full Text Available La gingivitis ulcerativa necrosante, conocida por sus siglas en inglés como GUN (anteriormente se le conocía como enfermedad de Vincent o “boca de trinchera” por afectar a soldados en guerra, es una enfermedad poco frecuente.1-6 Se caracteriza por ser una infección aguda y dolorosa en la que las encías sangran, hay necrosis de las papilas interdentales y ataque al estado general.

  10. Análise da correlação de ocorrência da doença diarreica aguda com a qualidade da água para consumo humano no município de Vitória-ES Analysis of the correlation of diarrhea disease occurrence with drinking-water quality in the city of Vitória-ES

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Josiane Teresinha Matos de Queiroz

    2009-09-01

    Full Text Available Buscou-se traçar possíveis associações da qualidade da água para consumo humano com a ocorrência de casos de diarreia utilizando o Programa de Monitorização da Doença Diarreica Aguda, no ano de 2004, no município de Vitória, capital do Estado do Espírito Santo, Brasil. Para a análise da qualidade da água, foram utilizados os dados do Programa de Controle da Qualidade da Água, realizado pelo serviço de abastecimento público, e da Vigilância da Qualidade da Água, realizada pela Prefeitura local. O delineamento epidemiológico adotado foi o estudo do tipo ecológico. Foram utilizadas ferramentas de georreferenciamento para representação das amostras estudadas e análises estatísticas de regressão linear univariada e multivariada. Foram encontradas associações com significância estatística para a ocorrência de diarreia com os parâmetros de turbidez, coliformes totais e termotolerantes. Os resultados apontam para a necessidade de maior cuidado na rede de distribuição de água. Entretanto, como a doença diarreica pode ser causa de várias enfermidades, são necessárias ações com o objetivo principal de caracterizar o agravo e definir sua fonte de infecção, de modo a propor medidas que interrompam a cadeia de transmissão.Possible associations between drinking-water quality and the occurrence of diarrhea cases have been researched, using the 2004 Diarrhea Disease Monitoring Program in the city of Vitória, state of Espírito Santo, Brazil. For water quality analysis, data from the Water Quality Control Program, performed by the Public Supply Service, and from the Water Quality Surveillance, performed by the local municipal government, were used. The epidemiological delimitation adopted was the ecological study. Georeferencing tools for the representation of the studied samples and univariate and multivariate linear regression analyses were utilized. Statistically significant associations for the occurrence of

  11. Dor óssea e sua relação na apresentação inicial da leucemia linfóide aguda Bone pain and its relation to the initial presentation of acute lymphoblastic leukemia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Patrícia S. Ikeuti

    2006-03-01

    Full Text Available A leucemia linfóide aguda é uma neoplasia maligna do sistema hematopoiético caracterizada pela alteração do crescimento e da proliferação das células linfóides na medula óssea, com conseqüente acúmulo de células jovens indiferenciadas, denominadas blastos. É a neoplasia maligna mais freqüente (70% entre as crianças menores de 15 anos de idade. As manifestações clínicas mais comuns incluem febre, equimose e palidez, porém a dor óssea pode ser encontrada como sintoma inicial em 25% dos casos. Assim, com o objetivo de determinar a freqüência da dor óssea e sua relação com dados clínico-laboratoriais em crianças portadoras de leucemia linfóide aguda atendidas na unidade de Oncologia Pediátrica do Hospital de Base de São José do Rio Preto-SP, foram avaliadas cinqüenta crianças portadoras de leucemia linfóide aguda com idade até 15 anos, no período de dezembro de 1991 a dezembro de 2001. Entre as crianças estudadas, 18 apresentaram dor óssea como queixa principal e, destas, 14 apresentaram tempo de evolução (período entre primeiro sintoma e o diagnóstico superior a 15 dias (p=0.018. Além disso, 13 crianças com dor óssea e tempo de evolução superior a 15 dias apresentaram níveis de hemoglobina inferiores a 8g/dl (p=0,008.Acute lymphoblastic leukemia is a hematopoietic malignancy characterized by alterations in the growth and proliferation of lymphoblastic cells in bone marrow, with consequent accumulation of immature white blood cells called blasts. It is the most common malignant neoplasm seen in under fifteen-year-olds. Acute lymphoblastic leukemia frequently presents with fever, ecchymosis and paleness, however bone pain is the initial symptom found in 25% of the cases. The objective of this work is to determine the frequency of bone pain and its relation with clinical and laboratory data in children with acute lymphoblastic leukemia admitted in the Pediatric Oncology Unit of Hospital de Base de S

  12. Eliminação de Toxoplasma gondii pela urina de camundongos durante a fase aguda da infecção experimental Presence of Toxoplasma gondii in the urine of mice experimentally infected

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    R.J. Rocha

    1993-08-01

    Full Text Available Camundongos albinos heterogenéticos da linhagem Swiss, foram experimentalmente infectados, via subcutânea, com taquizoítos de uma cepa de Toxoplasma gondii de baixa virulência. Todos morreram durante a fase aguda da infecção, entre 7 e 9 dias após a infecção (DAI. Demonstrou-se, utilizando a bioprova, que 80% dos animais eliminou T. gondii pela urina. Nos rins, observou-se, entre outras alterações, hemorragia intersticial intertubular e presença de hemácias íntegras nos espaços subcapsulares de Bowmann de alguns glomérulos. Discutiu-se sobre os possíveis mecanismos de eliminação de T. gondii na urina dos animais infectados. Analisou-se alguns aspectos relacionados com a eliminação de formas infectantes de T. gondii na urina destes animais e a transmissão da toxoplasmose na naturezaToxoplasma gondii tachizoites from an avirulent strain, were used to subcutaneously infect mice (Swiss outbred strain. All died 7 to 9 days after infection (DAI during acute phase infection. Eighty per cent eliminated T. gondii forms by urine. This was determined through infectivity test in normal mice (bioprove. Interstitial intertubular hemorrhage were the more frequently observed lesion in renal histology. Whole erythrocytes could also be seen in some glomerular Bowmann's sub-capsular space. T. gondii elimination mechanism is discussed, together with the relationship between these observations and natural toxoplasmosis transmission.

  13. Importância da detecção das mutações no gene FLT3 e no gene NPM1 na leucemia mieloide aguda - Classificação da Organização Mundial de Saúde 2008

    OpenAIRE

    Licínio,Marley Aparecida; Silva, Maria Cláudia Santos da

    2010-01-01

    As leucemias mieloides agudas (LMA) constituem um grupo de neoplasias malignas caracterizadas pela proliferação descontrolada de células hematopoéticas, decorrente de mutações que podem ocorrer em diferentes fases da diferenciação de células precursoras mieloides. Em 2008, a Organização Mundial da Saúde (OMS-2008) publicou uma nova classificação para neoplasias do sistema hematopoético e linfoide. De acordo com essa classificação, para um diagnóstico mais preciso e estratificação de prognósti...

  14. Importância da detecção das mutações no gene FLT3 e no gene NPM1 na leucemia mieloide aguda - Classificação da Organização Mundial de Saúde 2008 Importance of detecting FLT3 and NPM1 gene mutations in acute myeloid leukemia -World Health Organization Classification 2008

    OpenAIRE

    Marley Aparecida Licínio; Maria Cláudia Santos da Silva

    2010-01-01

    As leucemias mieloides agudas (LMA) constituem um grupo de neoplasias malignas caracterizadas pela proliferação descontrolada de células hematopoéticas, decorrente de mutações que podem ocorrer em diferentes fases da diferenciação de células precursoras mieloides. Em 2008, a Organização Mundial da Saúde (OMS-2008) publicou uma nova classificação para neoplasias do sistema hematopoético e linfoide. De acordo com essa classificação, para um diagnóstico mais preciso e estratificação de prognósti...

  15. Tratamento cirúrgico da coarctação da aorta: experiência de três décadas Surgical treatment of the aortic coarctation: three-decade experience

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Alline de Souza Alves Oliveira

    2007-09-01

    Full Text Available OBJETIVO: Revisar os resultados imediatos de 30 anos da cirurgia de coarctação da aorta (CoAo, no período entre 1974 e 2004. Foram incluídos todos pacientes operados de CoAo, isolada ou associada a outros defeitos congênitos. MÉTODO: Foram pesquisados os seguintes dados: idade no momento da cirurgia, sexo, lesões associadas, tipo de técnica cirúrgica utilizada, resultado cirúrgico imediato, com ênfase à presença de hipertensão arterial sistêmica. RESULTADOS: Foram operados 104 pacientes, dos quais 75 (72% eram pacientes pediátricos e 29 (28%, adultos. No grupo pediátrico, 23 (22% foram considerados neonatos, 17 (16%, lactentes, 35 (34%, crianças. Os defeitos associados estiveram presentes em 66 (63,5% pacientes, sendo 54 (51,9% no grupo pediátrico e 12 (11,3% no grupo dos adultos. Foram observados sete (6,7% óbitos no pós-operatório imediato (POI. Dentre as diversas técnicas cirúrgicas utilizadas a aortoplastia foi usada em 80 pacientes (76,9%; anastomose término-terminal em 15 (14,4%; técnica de Teles em sete (6,7%; Waldhausen em um (1%, e não foi possível identificar a técnica em um (1% paciente. CONCLUSÕES: Apesar das limitações do presente estudo, pode-se observar que os resultados foram bons, sendo a correção cirúrgica realizada de maneira segura e com baixa mortalidade. O seguimento a médio e longo prazo foi prejudicado pelas deficiências estruturais conhecidas em nosso meio.OBJECTIVE:To make a 30-year review of the immediate results of coarctation of the aorta (CoAo operation, between 1974 and 2004. All the patients underwent CoAo whether in isolation or associated with other congenital defects. METHODS: The following data was investigated: age at the time of surgery, gender, associated lesions, type of surgical technique, and immediate surgical outcome, particularly focusing the presence of systemic arterial hypertension. RESULTS: One hundred and four patients underwent CoAo. Of the 104 enrolled

  16. Proposta para padronização do relatório de tomografia computadorizada nos aneurismas da aorta abdominal A proposal for standardizing computed tomography reports on abdominal aortic aneurysms

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fabiola Goda Torlai

    2006-08-01

    Full Text Available OBJETIVO: Propor um modelo de padronização de relatório para aneurisma da aorta abdominal na tomografia computadorizada. MATERIAIS E MÉTODOS: Foram realizadas, no período de abril a outubro de 2004, entrevistas com integrantes da Disciplina de Cirurgia Vascular da nossa instituição, para elaboração de um modelo de padronização de relatório de tomografia computadorizada para o estudo do aneurisma da aorta abdominal. A partir deste modelo foi elaborado um questionário, enviado a nove outros cirurgiões, todos com experiência em cirurgia da aorta abdominal. O índice de resposta aos questionários foi de 55,5% (5/9. RESULTADOS: Os parâmetros de interesse citados mais freqüentemente para a avaliação dos aneurismas de aorta abdominal foram: diâmetro máximo do colo proximal, extensão do colo proximal até a artéria renal mais baixa, forma do colo proximal, diâmetro máximo do aneurisma e diâmetro das artérias ilíacas comuns. Estes dados permitiram elaborar uma proposta de modelo para padronização de relatório na tomografia computadorizada. CONCLUSÃO: Um modelo para a análise tomográfica padronizada do aneurisma de aorta abdominal permite atender às necessidades dos cirurgiões vasculares para acompanhar a evolução e planejar o tratamento destes pacientes.OBJECTIVE: To propose a model to standardize computed tomography reports on abdominal aortic aneurysms. MATERIALS AND METHODS: Interviews were carried out with members of Vascular Surgery Division of our institution, in the period between April and October 2004, aiming at developing a standardized model of computed tomography reports on abdominal aortic aneurysms. Based on this model, a questionnaire was elaborated and sent to other nine surgeons, all of them experienced in the field of abdominal aortic surgery. The questionnaires response rate was 55.5% (5/9. RESULTS: The most frequently mentioned parameters of interest for evaluation of abdominal aortic aneurysms

  17. Tratamento da luxação femoro-patelar aguda pelo reparo do ligamento femoro-patelar medial Treatment of acute patellofemoral dislocation through medial patellofomoral ligament repair

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Gilberto Luis Camanho

    2005-01-01

    Full Text Available Os autores avaliaram a evolução de 17 pacientes que tiveram luxação femoropatelar aguda e foram tratados pela sutura do ligamento femoropatelar medial. A sutura do ligamento foi feita por via artroscópica em 9 pacientes que apresentaram a lesão do ligamento próxima à patela. Nos oito pacientes restantes a lesão do ligamento femoropatelar ocorreu próxima ao epicôndilo femoral e foi tratada pela reinserção no epicôndilo femoral com âncoras. Os pacientes foram acompanhados por um tempo médio de 40 meses e não houve nenhuma recidiva da luxação femoropatelar durante este período.The authors evaluated the evolution of seventeen patients with acute patellofemoral dislocation. Patients were treated through medial patellar ligament suture. The suture of the ligament was performed by arthroscopy in nine patients with ligament lesion near to the patella. The other eight patients, with patellofemoral ligament lesion occurring near to the femoral epicondyle, were treated by reinsertion at the femoral epicondyle with anchors. The patients had a mean follow-up period of forty months and there was no femoropatellar dislocation recurrence.

  18. A utilização da solução natural de eucalipto nas nebulizações, como auxiliar nos tratamentos das infecções respiratórias agudas: (IRA

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ana Tania Lopes Sampaio Alves

    1992-09-01

    Full Text Available Em um total de 4.625 consultas médicas à criança menor de 5 anos, durante um período de 7 meses, foram diagnosticados 936 casos de infecções respiratórias agudas (20,2%. Estudou-se algumas características clínicas e fatores de risco mais comumente encontradas em cada tipo catalogado de IRA. O mais freqüente sintoma foi o desconforto respiratório moderado. O presente trabalho tem por objetivo relatar a experiência vivenciada em Macaíba/RN (F.SESP, relacionada à adaptação do uso da solução natural de eucalipto manipulada pela equipe de enfermagem em substituição às convenientemente utilizadas, ou seja, as soluções farmacológicas, em Inalações de crianças com IRA.

  19. Avaliação da concordância interobservador na análise da tomografia computadorizada sem contraste no diagnóstico da urolitíase em pacientes com cólica renal aguda Interobserver agreement on non-contrast computed tomography interpretation for diagnosis of urolithiasis in patients with acute flank pain

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luís Ronan Marquez Ferreira de Souza

    2006-10-01

    Full Text Available OBJETIVO: Avaliar a reprodutibilidade da tomografia computadorizada sem contraste na avaliação da litíase ureteral e os sinais secundários de obstrução do sistema coletor em pacientes com cólica renal aguda. MATERIAIS E MÉTODOS: Estudo prospectivo de 52 pacientes com diagnóstico clínico de cólica renal aguda submetidos a exame de tomografia computadorizada de abdome sem contraste. Os exames foram realizados com técnica helicoidal e posteriormente analisados por três observadores independentes, com a concordância interobservador avaliada pelo método estatístico kappa (kapa. Foram analisados os parâmetros: a presença, localização e mensuração dos cálculos ureterais; b dilatação do sistema coletor intra-renal; c heterogeneidade da gordura perirrenal; d dilatação ureteral; e edema da parede ureteral (sinal do halo. RESULTADOS: Foram encontrados 40 cálculos ureterais na tomografia computadorizada (77%. A concordância interobservador para a identificação do cálculo ureteral e da dilatação ureteral foi quase perfeita (kapa = 0,89 e kapa = 0,87, respectivamente, substancial para dilatação do sistema coletor intra-renal (kapa = 0,77 e moderada para heterogeneidade da gordura perirrenal e para edema da parede ureteral (kapa = 0,55 e kapa = 0,56, respectivamente. CONCLUSÃO: A tomografia computadorizada de abdome sem contraste apresenta elevada reprodutibilidade na avaliação da litíase ureteral e dos sinais secundários de obstrução do sistema coletor.OBJECTIVE: To evaluate the interobserver agreement on non-contrast computed tomography interpretation by a group of experienced abdominal radiologists, for the study of urolithiasis in patients presenting acute flank pain. MATERIALS AND METHODS: Prospective study of 52 patients submitted to non-contrast enhanced helical computed tomography. The images were subsequently analyzed by three independent observers, with the interobserver agreement assessed by means of the

  20. Leucemia Promielocítica Aguda na infância: estudo cromossômico e investigação da ocorrência de mutações nos genes FLT3 e NPM1 e sua importância prognóstica

    OpenAIRE

    2014-01-01

    A leucemia promielocítica aguda (LPA) requer uma atenção especial dentre as leucemias mielóides agudas devido às suas implicações prognósticas e terapêuticas. A taxa de sobrevida de no mínimo cinco anos na LPA chega a 80% dos pacientes com a terapia atual e a taxa de cura excede os 70%. No entanto, a real situação dos resultados do tratamento da LPA em países em desenvolvimento, como o Brasil, é desconhecida. Este trabalho visou contribuir na investigação dos casos de LPA in...

  1. Coarctation of the Aorta

    Science.gov (United States)

    ... of the aorta (aneurysm) Aortic rupture or tear (dissection) Premature coronary artery disease — narrowing of the blood ... have a higher risk of aortic rupture, aortic dissection or other complications during pregnancy and delivery. Doctors ...

  2. Estimulação percutânea dos nervos sensitivos periféricos nas crises agudas da trigeminalgia essencial

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Nilton Luís Latuf

    1975-06-01

    Full Text Available A eletroestimulação de fibras sensitivas periféricas tem sido usada com bons resultados no controle da dor. Acredita-se que a moderna teoria da fisiologia da dor ofereça bases científicas para explicar o seu mecanismo de ação. Este método foi utilizado em 21 pacientes com trigeminalgia essencial, sendo estimulados continuamente durante 30 minutos com voltagens variáveis, os nervos infra e supra-orbitário, assim como mentoneiro, de acordo com a região atingida. Obteve-se, como resultado, o alívio imediato da dor por espaços de tempo que variaram entre 6 e 48 horas.

  3. Epidemiological profile of acute bacterial meningitis in the state of Rio Grande do Norte, Brazil Perfil epidemiológico da meningite bacteriana aguda no estado do Rio Grande do Norte, Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Wallace Andrino da Silva

    2010-08-01

    Full Text Available INTRODUCTION: Acute bacterial meningitis (ABM remains a public health problem in Brazil. To evaluate the epidemiology of ABM cases at Giselda Trigueiro Hospital, Rio Grande do Norte, a descriptive retrospective survey was conducted covering 2005 to 2008. METHODS: Clinical and laboratory data were collected from the epidemiology department of the hospital and analyzed. RESULTS: Out of 168 ABM cases, 24.4%, 10.7%, and 2.4% were, respectively, caused by Streptococcus pneumoniae, Neisseria meningitidis and Haemophilus influenza b, and 5.4% by other bacteria. The mean age was 22.48 ± 18.7 years old. CONCLUSIONS: Streptococcus pneumoniae was the main causative pathogen in the young urban population.INTRODUÇÃO: Meningite bacteriana aguda (MBA permanece um problema de saúde pública no Brasil. Para avaliar a epidemiologia da MBA atendida no Hospital Giselda Trigueiro, Rio Grande do Norte, um estudo retrospectivo-descritivo foi realizado de 2005 a 2008. MÉTODOS: Dados clínicos e laboratoriais foram coletados do departamento de epidemiologia hospitalar e analisados. RESULTADOS: Dos 168 casos de MBA, 24,4%, 10,7% e 2,4% foram, respectivamente, causados por Streptococcus pneumoniae, Neisseria meningitidis e Haemophilus influenzae b e 5,4% por outras bactérias. A média da idade foi 22,48 ± 18,7 anos. CONCLUSÕES: Streptococcus pneumoniae foi o principal patógeno causador na população urbana jovem.

  4. Efeitos da intoxicação por lítio sobre a locomoção de ratos em um modelo animal de insuficiência renal aguda cirurgicamente induzido

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Bittencourt José Augusto Ferreira

    2001-01-01

    Full Text Available INTRODUÇÃO: O lítio é um metal usado sob a forma de sal para tratamento de episódios agudos de mania e no controle profilático de desordens afetivas bipolares. Pacientes com algum grau de insuficiência renal podem rapidamente sofrer intoxicação por esse fármaco. Nosso objetivo foi verificar a influência da litemia na locomoção em um modelo animal cirurgicamente induzido de insuficiência renal aguda (IRA. MÉTODOS: Foram submetidos 61 ratos Wistar a tratamento com lítio por uma semana previamente a nefrectomia unilateral. Trinta ratos foram induzidos a IRA. Foi administrado lítio ou solução fisiológica aos ratos e após observada sua locomoção e concentração de creatinina sérica. Utilizou-se análise estatítica. RESULTADOS: A creatina apresentou-se elevada nos ratos com IRA. A locomoção foi menor nos ratos com IRA que receberam lítio, havendo relação inversa entre a litemia e a atividade locomotora. CONCLUSÕES: O modelo animal cirúrgico de IRA foi efetivo. Ratos insuficientes renais que receberam lítio apresentaram alterações locomotoras comparados aos demais. O aumento da litemia causa diminuição proporcional na locomoção dos ratos.

  5. Propriedades físicoquímicas e avaliação da toxicidade aguda do extrato etanólico padronizado a 70% das folhas de Mikania glomerata (Asteraceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    L.C.L.R. Santana

    2013-01-01

    Full Text Available Mikania glomerata (Asteraceae é bastante utilizada na medicina popular devido às suas ações broncodilatadora, antiasmática, expectorante e antitussígena. O objetivo do presente estudo foi determinar propriedades físicoquímicas do pó obtido a partir das folhas de M. glomerata, bem como avaliar a toxicidade em camundongos após tratamento agudo com doses repetidas do extrato etanólico padronizado a 70% preparado durante 30 dias consecutivos. No estudo das propriedades físicoquímicas fez-se a determinação da densidade bruta e de compactação, do teor de cinzas totais, do teor de umidade e da granulometria. De acordo com os resultados obtidos o pó pode ser usado na formulação de uma forma farmacêutica sólida, uma vez que suas propriedades físico-químicas são compatíveis com o desenvolvimento desse tipo de formulação. Na segunda parte do estudo foi determinada a dose letal 50% (DL50 em camundongos, e na análise morfológica macroscópica dos principais órgãos e avaliada a toxicidade aguda com doses repetidas em parâmetros bioquímicos e hematológicos de camundongos. Os resultados sugerem que o extrato etanólico padronizado a 70% pode ser usado de forma segura, uma vez que apresentou um valor para a DL50 (~3000 mg kg-1 que pode ser classificado na categoria nociva, e não produziu nenhuma alteração morfológica nos principais órgãos e em parâmetros bioquímicos e hematológicos de camundongos.

  6. Estudo das propriedades físico-químicas e avaliação da toxicidade aguda do extrato etanólico das folhas de Mikania glomerata Sprengel

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    L.C.L.R. Santana

    2014-01-01

    Full Text Available A Mikania glomerata é uma planta pertencente à família Asteraceae que é bastante utilizada na medicina popular devido às suas ações broncodilatadora, antiasmática, expectorante e antitussígena. O objetivo do presente estudo foi determinar as propriedades físico-químicas do pó obtido a partir das folhas de M. glomerata, bem como, avaliar a toxicidade em camundongos após tratamento agudo com doses repetidas do extrato etanólico padronizado preparado a partir das folhas dessa espécie. Durante o estudo das propriedades físico-químicas do pó obtido a partir das folhas de M. glomerata foram feitas as determinações da densidade bruta e de compactação, do teor de cinzas totais, do teor de umidade, e da granulometria. De acordo com os resultados obtidos podemos sugerir que o pó pode ser usado na formulação de uma forma farmacêutica sólida. Na segunda parte do estudo foi determinada a Dose Letal 50% (DL50, bem como, realizada a análise morfológica macroscópica e avaliados a toxicidade aguda com doses repetidas e os parâmetros bioquímicos e hematológicos de camundongos. De acordo com os dados obtidos na segunda parte deste estudo podemos sugerir que o extrato etanólico pode ser usado de forma segura em humanos, uma vez que apresentou valor de DL50 de aproximadamente 3000 mg Kg-1, bem como, não produziu nenhuma alteração morfológica nos principais órgãos, e nem provocou alterações nos parâmetros bioquímicos e hematológicos de camundongos.

  7. Is there a therapeutic window for pentoxifylline after the onset of acute pancreatitis? Existe uma janela terapêutica para a pentoxifilina após o início da pancreatite aguda?

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ana Maria Mendonça Coelho

    2012-07-01

    Full Text Available PURPOSE: To investigate the effects of pentoxifylline (PTX in experimental acute pancreatitis (AP starting drug administration after the induction of the disease. METHODS: One hundred male Wistar rats were submitted to taurocholate-induced AP and divided into three groups: Group Sham: sham-operated rats, Group Saline: AP plus saline solution, and Group PTX: AP plus PTX. Saline solution and PTX were administered 1 hour after induction of AP. At 3 hours after AP induction, peritoneal levels of tumor necrosis factor (TNF-α, and serum levels of interleukin (IL-6 and IL-10 levels were assayed by Enzyme-Linked Immunosorbent Assay (ELISA. Determinations of lung myeloperoxidase activity (MPO, histological analysis of lung and pancreas, and mortality study were performed. RESULTS: PTX administration 1 hour after induction of AP caused a significant decrease in peritoneal levels of TNF-α and in serum levels of IL-6 and IL-10 when compared to the saline group. There were no differences in lung MPO activity between the two groups with AP. A decrease in mortality was observed in the PTX treatment compared to the saline group. CONCLUSIONS: Administration of PTX after the onset of AP decreased the systemic levels of proinflammatory cytokines, raising the possibility that there is an early therapeutic window for PTX after the initiation of AP.OBJETIVO: Investigar os efeitos da pentoxifilina (PTX na pancreatite aguda (PA experimental administrando a droga após a indução da doença. MÉTODOS: Cem ratos machos Wistar foram submetidos à indução da PA através da infusão de taurocolato de sódio e divididos em três grupos: Grupo Sham: sham-operated ratos, Grupo Salina: AP e solução salina, e Grupo PTX: AP e PTX. Solução salina e PTX foram administradas 1 hora após a indução da PA. Três horas após indução da PA os níveis de fator de necrose tumoral (TNF-α no líquido peritoneal e os níveis séricos de interleucina (IL-6 e IL-10 foram

  8. INSUFICIENCIA RENAL AGUDA CON UREMIA NORMAL EN PACIENTE MONO-RENO SECUNDARIA A PIELONEFRITIS AGUDA

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Musso CG

    2006-03-01

    Full Text Available RESUMEN:La insuficiencia renal aguda es un sindrome que característicamente cursa con niveles plasmáticos elevados de urea y creatinina. Sin embargo, hay situaciones clínicas en las cuales este sindrome puede cursar con un incremento de la creatininemia sin presentar elevación de la uremia.En este reporte presentamos un caso clínico de una insuficiencia renal aguda con uremia normal secundaria a una pielonefritis aguda en un paciente con riñón único. El paciente presentaba una elevada excreción fraccional de urea lo cual podía explicar su uremia normal pese a estar cursando una caída del filtrado gomerular. Dicha excreción de urea elevada fue interpretada como secundaria a una diabetes insipida nefrogénica y una alteración en el recirculado intra-renal de la urea ambos producto de la pielonefritis aguda. Concluimos que la pielonefritis aguda en un paciente mono-reno puede presentarse con un patrón de insuficiencia renal aguda con uremia normal. SUMMARYAcute renal failure is a syndrome that usually runs with an increase in creatinine and urea plasma levels. However, there are clinical situations in which this syndrome may run with an increase in plasma creatinine keeping normal the urea one.In this report we present a case of acute renal failure with normal plasma urea level secondary to an acute pyelonephritis in a single kidney patient. The patient had an increased fractional excretion of urea which could explain the normal plasma urea levels found despite of his reduced glomerular filtration. This increased urea excretion state was interpreted as a consequence of the nephrogenic diabetes insipidus and alteration of the intra-renal urea reciclying process that the acute pyelonephritis induced. In conclusion: Acute pyelonephritis in a single kidney patient can appear as a pattern of acute renal failure with normal plasma urea levels.

  9. INSUFICIENCIA RENAL AGUDA CON UREMIA NORMAL EN PACIENTE MONO-RENO SECUNDARIA A PIELONEFRITIS AGUDA

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Musso CG

    2007-04-01

    Full Text Available RESUMENLa insuficiencia renal aguda es un sindrome que característicamente cursa con niveles plasmáticos elevados de urea y creatinina. Sin embargo, hay situaciones clínicas en las cuales este sindrome puede cursar con un incremento de la creatininemia sin presentar elevación de la uremia. En este reporte presentamos un caso clínico de una insuficiencia renal aguda con uremia normal secundaria a una pielonefritis aguda en un paciente con riñón único. El paciente presentaba una elevada excreción fraccional de urea lo cual podía explicar su uremia normal pese a estar cursando una caída del filtrado gomerular. Dicha excreción de urea elevada fue interpretada como secundaria a una diabetes insipida nefrogénica y una alteración en el recirculado intra-renal de la urea ambos producto de la pielonefritis aguda. Concluimos que la pielonefritis aguda en un paciente mono-reno puede presentarse con un patrón de insuficiencia renal aguda con uremia normal.SUMMARYAcute renal failure is a syndrome that usually runs with an increase in creatinine and urea plasma levels. However, there are clinical situations in which this syndrome may run with an increase in plasma creatinine keeping normal the urea one. In this report we present a case of acute renal failure with normal plasma urea level secondary to an acute pyelonephritis in a single kidney patient. The patient had an increased fractional excretion of urea which could explain the normal plasma urea levels found despite of his reduced glomerular filtration. This increased urea excretion state was interpreted as a consequence of the nephrogenic diabetes insipidus and alteration of the intra-renal urea reciclying process that the acute pyelonephritis induced. In conclusion: Acute pyelonephritis in a single kidney patient can appear as a pattern of acute renal failure with normal plasma urea levels.

  10. Coréia aguda na gravidez

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Walter C. Pereira

    1967-12-01

    Full Text Available São apresentados doze casos de coréia aguda observados entre 150.000 gestantes (1/12.500. A maioria dos surtos ocorreu no segundo trimestre da primeira gravidez. A duração média dos sintomas foi de três meses, não tendo sido registrado caso algum de óbito materno. Todos os partos foram espontâneos e normais. Houve apenas um óbito fetal conseqüente a choque hemorrágico. São tecidas considerações a propósito dos aspectos clínico, laboratorial e prognóstico da coréia gravídica, sendo focalizado mais pormenorizadamente o problema fisiopatogênico dessa afecção.

  11. Substituição completa da aorta ascendente e da valva aórtica com tubo valvulado de pericárdio bovino Total aortic valve and ascending aortic substitution with bovine pericardium valvar tube

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Robert V Ardito

    1987-08-01

    Full Text Available Os autores fazem uma revisão da técnica cirúrgica empregada para o tratamento de aneurismas da aorta ascendente associados a lesões da valva aórtica. Apresentam resultados obtidos com 11 (onze paciente operados pela técnica de BENTALL e DE BONO, com enxerto tubular valvulado aberto de pericárdio bovino IMC, sem mortalidade devida à técnica ou ao enxerto utilizado. Desses pacientes, 8 eram do sexo masculino, com idade variando entre 31 e 65 anos, média de 50 anos; 3 eram do sexo feminino, com idade entre 20 e 53 anos, média de 38 anos. Duas cirurgias foram realizadas, em regime de urgência, e 9 de emergência. O tubo de pericárdio bovino utilizado foi de nº 23 em 1 caso, nº 25 em 2, nº 29 em 6 e nº 31 em 2 casos. Dois pacientes tiveram lesão mitral associada com troca valvar (prótese biológica IMC. Um paciente necessitou de ponte de veia safena para coronária direita, por dissecção do óstio coronário. O diagnóstico histopatológico mostrou: degeneração mixomatosa em 4 casos, fibrose em 4 casos, doença reumática cicatrizada em 2 casos e pancardite em apenas 1 caso. Após discorrerem sobre dificuldades e complicações do método, concluem que a técnica utilizada é a de escolha no tratamento da referida patologia e que o tubo valvulado de pericárdio bovino facilita o ato cirúrgico, por sua alta flexibilidade e por ser altamente hemostático, não necessitando de medidas pré-coagulativas.The authors make a revision in the techniques for aortic aneurysm surgery with aortic valve lesion. They shown the results with 11 patients operated by BENTALL and DE BONO techniques with an open bovine pericardium IMC tubular and valvular graft without dead due to technic or due to the graft utilized. 8 patients, were male, age between 31-65 years old (mean 50 3 were female, age between 20-53 (mean 38; two surgeries were made in urgency and 9 in emergency. Two patients have associated mitral lesion associated with valvar change by

  12. Análise do tratamento cirúrgico da raiz da aorta com o tubo valvulado e com a preservação da valva aórtica Analysis of aortic root surgery with composite mechanical aortic valve conduit and valve-sparing reconstruction

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ricardo Ribeiro Dias

    2010-12-01

    Full Text Available OBJETIVO: Análise comparativa dos resultados imediatos e tardios da reconstrução da raiz da aorta com o tubo valvulado e com a preservação da valva aórtica. MÉTODOS: No período de novembro de 2002 a setembro de 2009, 164 pacientes com idade média de 54 ± 15 anos, sendo 115 do sexo masculino, foram submetidos ao tratamento cirúrgico da raiz da aorta. Foram 125 tubos valvulados e 39 reconstruções da raiz da aorta com preservação da valva aórtica. Dezesseis por cento dos pacientes eram portadores de síndrome de Marfan e 4,3% apresentavam valva aórtica bivalvulada. Cento e quarenta e quatro (88% pacientes foram acompanhados durante tempo médio de seguimento de 41,1 ± 20,8 meses. RESULTADOS: A mortalidade hospitalar total foi de 4,9%; sendo 5,6% nas operações com tubo valvulado e 2,6% nas preservações da valva aórtica (POBJECTIVE: Comparative analysis of early and late results of aortic root reconstruction with aortic valve sparing operations and the composite mechanical valve conduit replacement. METHODS: From November 2002 to September 2009, 164 consecutive patients with mean age 54 ± 15 years, 115 male, underwent the aortic root reconstruction (125 mechanical valve conduit replacements and 39 valve sparing operations. Sixteen percent of patients had Marfan syndrome and 4.3% had bicuspid aortic valve. One hundred and forty-four patients (88% were followed for a mean period of 41.1 ± 20.8 months. RESULTS: The hospital mortality was 4.9%, 5.6% in operations with valved conduits and 2.6% in the valve sparing procedures (P <0.05. There was no difference neither in survival (95% CI = 86% - 96%, P= 0.1 nor in reoperation-free survival (95% CI = 85% - 90%, P = 0.29. The survival free of complications such as bleeding, thromboembolism and endocarditis were favorable to the valve sparing operations, respectively (95% CI = 70% - 95%, P = 0.001, (95% CI = 82% - 95% P = 0.03 and (95% CI = 81% - 95%, P = 0.03. Multivariate analysis

  13. O nefrologista como consultor ante a intoxicação aguda: epidemiologia das intoxicações graves no Rio Grande do Sul e métodos de aumento da depuração renal

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    José Alberto Rodrigues Pedroso

    2010-12-01

    Full Text Available Intoxicações acidentais e intencionais constituem- se em fonte significativa de morbimortalidade. Em emergências ou UTIs, frequentemente o Nefrologista é chamado como consultor para auxiliar na indicação de medidas de aumento da depuração renal de agentes tóxicos. Revisamos o emprego de diálise nas intoxicações agudas por medicamentos ou pesticidas, cujo suporte especializado toxicológico foi realizado por telefone pelo Centro de Informação Toxicológica do Rio Grande do Sul (CIT-RS. Avaliamos a correlação entre necessidade de diálise e óbitos em coorte retrospectivo (1998- 2000. Dos 36.055 atendimentos, 337 foram identificados como graves, 245 preenchendo os critérios de inclusão exigidos. A idade média foi 30 ± 18 anos; 53% mulheres. Medicamentos frequentemente envolvidos foram anticonvulsivantes e antidepressivos, entre outros; quanto aos pesticidas, organofosforados, bipiridílicos e glifosato. Métodos de aumento da eliminação incluíram alcalinização urinária (n = 37 e métodos dialíticos. Diálise entre intoxicações severas ocorreu em 4,5% (n = 11, 3,67 procedimentos/ano (1/22,7 relatos de casos severos. No grupo que dialisou, em 91%, a circunstância foi tentativa de suicídio (principalmente fenobarbital e paraquat. Dois casos requereram hemoperfusão (cloranfenicol e paraquat. Óbitos entre pacientes graves não submetidos a diálise ocorreram em 25,6%, versus 36,3% entre dialisados (RR = 0,89; IC 95% = 0,54-1,35. Os achados podem ser explicados pelo poder estatístico associado ao número de procedimentos realizados. O Nefrologista deve estar atento para situações que requerem o emprego de medidas dialíticas, ainda que não necessariamente para substituição renal, mas para aumento da depuração do agente tóxico.

  14. Gastroenterites e infecções respiratórias agudas em crianças menores de 5 anos em área da região Sudeste do Brasil, 1986-1987: I - Infecções respiratórias agudas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Barata Rita de Cassia Barradas

    1996-01-01

    Full Text Available Estudou-se coorte constituída de uma amostra probabilística (N=468 de crianças menores de 5 anos, residentes em 5 áreas do Município de São Paulo, SP (Brasil, acompanhada durante 1 ano, por meio de entrevistas mensais. A pesquisa foi desenvolvida no período de março de 1986 a maio de 1987. Entre as características sociais e econômicas das famílias das crianças estudadas, estão: a mediana da renda familiar "per capita" de um salário-mínimo da época; b 29,3% das crianças tinham pais migrantes com tempo médio de fixação no Município de São Paulo de 18,6 anos; c 40% das famílias utilizavam exclusivamente serviços de saúde públicos ou filantrópicos. Das crianças estudadas, 87,3% eram eutróficas; 94% haviam recebido todas as doses de vacina preconizadas pelo Programa Nacional de Imunizações; 90,6% nunca haviam sido internadas em conseqüência de infecção respiratória aguda (IRA. Durante a investigação foram identificados 554 episódios de IRA, com uma duração média de 6,8 dias, e uma incidência de 11,08 episódios por 100 crianças/mês. O grupo etário mais atingido foi o dos menores de 1 ano. Em 36,1% dos casos de IRA identificados, verificaram-se eventos semelhantes no mesmo domicílio, sendo que em 53% desses episódios o caso-índice foi uma criança menor de 6 anos. Quanto ao tipo de atendimento, em 45,7% dos episódios as crianças foram tratadas pelas próprias mães, 6,9% recorreram a farmacêuticos, 46,7% foram atendidas em diferentes tipos de ambulatórios e somente 4 casos (0,7% necessitaram tratamento hospitalar, com um deles evoluindo para óbito. As medidas terapêuticas mais utilizadas entre os casos que demandaram assistência médica foram a antibioticoterapia e os expectorantes. Alguns fatores socioeconômicos e antecedentes pessoais, tais como condições habitacionais, aglomeração intradomiciliar assim como antecedentes de doenças respiratórias, mostraram-se associados à incid

  15. Insuficiencia renal aguda.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Carlos Hernán Mejía

    2009-10-01

    Full Text Available La insuficiencia renal aguda se diagnostica aproximadamente en 5% de los pacientes hospitalizados. Sus principales causas se relacionan con la alteración del flujo sanguíneo renal, sea por depleción de volumen, baja perfusión renal o por distribución intrarrenal inadecuada y obstrucción del árbol urinario. El diagnóstico parte de la historia clínica y un buen examen físico que corrobore el estado de volemia del paciente y se complementa con el uso adecuado de los índices urinarios (excreción de sodio y osmolaridad, el uroanálisis y la ecografía renal. Su tratamiento consiste en una adecuada recuperación del volumen, manejo de los diuréticos, soporte nutricional, conservación del equilibrio hidroelectrolítico y brindar terapia de diálisis si hay toxicidad urémica, hipercaliemia severa (>6.5 mEq/l, acidosis metabólica o sobrecarga severa de volumen.

  16. Leucemia promielocítica aguda da infância: caracterização de alterações por citogenética clássica e molecular, anticorpo monoclonal (PG-M3) e biologia molecular

    OpenAIRE

    2009-01-01

    A leucemia promielocítica aguda (LPA) corresponde a cerca de 20-28% das LMAs nos países latino-americanos, sendo caracterizada pelo acúmulo de células leucêmicas na medula óssea semelhantes a promielócitos e clinicamente associada à coagulopatia, que é responsável pela alta mortalidade precoce nas fases iniciais de tratamento. Apesar da LPA ser geralmente reconhecida por seus caracteres morfológicos, existem casos atípicos. A LPA é uma patologia beneficiada pelo tratamento com ...

  17. Aorta após endoprótese para aneurisma micótico

    OpenAIRE

    Ufuk Alpagut; Murat Ugurlucan; Emin Tireli; Izzet Rozanes; Enver Dayioglu

    2011-01-01

    Endopróteses vasculares são atualmente utilizadas no tratamento de diferentes patologias da aorta. Podem salvar a vida de pacientes com comorbidades e virtualmente inoperáveis quando da utilização de técnicas convencionais. Esse manuscrito relata o caso de um paciente de 40 anos, que havia sido previamente tratado de um aneurisma micótico sacular no arco aórtico e que apresentou ruptura da aorta descendente no seguimento de médio prazo. O tratamento da ruptura da aorta descendente também foi ...

  18. Pneumonia por varicela associada com síndrome da angústia respiratória aguda: relato de dois casos Varicella pneumonia complicated with acute respiratory distress syndrome: two cases report

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marcelo Moreno

    2007-03-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: A varicela é uma doença exantemática causada pela infecção primária do vírus varicela zoster (VVZ. A pneumonia pelo VVZ complicada com a síndrome da angústia respiratória aguda (SARA é rara e associa-se a altas taxas de morbimortalidade. O objetivo deste estudo foi apresentar dois casos de pneumonia por varicela que evoluíram com SARA e outras disfunções orgânicas. RELATO DOS CASOS: Paciente de 15 anos, imunocomprometido com a síndrome da imunodeficiência adquirida (SIDA e uma paciente do sexo feminino imunocompetente, foram admitidos na UTI com quadro clínico de varicela, SARA, trombocitopenia e acidose graves. Além disso, disfunção cardiovascular e falência renal ocorreram no primeiro e segundo casos, respectivamente. Foram tratados com aciclovir além de ventilação mecânica protetora. CONCLUSÕES: Os dois casos de pneumonia por varicela, que apresentaram SARA e disfunções de múltiplos órgãos, obtiveram boa evolução clínica.BACKGROUNG AND OBJECTIVES: Varicella is an exantematic disease caused by varicella-zoster virus. Varicella pneumonia complicated with acute respiratory distress syndrome (ARDS is very rare in adults and is associated with high morbimortality. We report two cases of ARDS secondary to varicella-zoster virus pneumonia. CASES REPORT: We report two cases of ARDS and multiple organ dysfunction syndrome (MODS secondary to varicella-zoster virus pneumonia. A 15-year-old man with human immunodeficiency virus (HIV infection and a 29-year-old immunocompetent female were admitted in the ICU with primary varicella infection and pneumonia. Both cases progressed towards ARDS, severe thrombocytopenia and acidosis. In addition cardiovascular and renal failure occurred in the first and second patients, respectively. Treatment consisted of immediate administration of intravenous acyclovir and a lung-protective ventilation strategy. CONCLUSIONS: Both cases of varicella

  19. Eosinophil levels in the acute phase of experimental chagas' disease Níveis de eosinófilos na fase aguda da doença de Chagas experimental

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria Cristina Nakhle

    1989-12-01

    Full Text Available Eosinophil dynamics, in bone marrow, blood and peritoneal exudate, of resistant C57B1/6 (C57 and susceptible A/Snell (A/Sn mice was comparatively studied during the acute phase of infection by Trypanosoma cruzi Y strain. A decline was observed in bone marrow eosinophil levels in A/Sn, but not in C57 mice, soon after infection, those of the former remaining significantly below those of the latter up to the 4th day of infection. Bone marrow eosinophil levels of C57 mice declined subsequently to levels comparable to those of A/Sn mice, the number of these cells in this compartment remaining 50% those of non infected controls, in both strains, up to the end of the experiment on the 14th day of infection. The fluctuations in eosinophil levels in blood and peritoneal space were similar in both mice strains studied. Concomitantly with depletion of eosinophils in the marrow, depletion in blood and a marked rise of these cells in the peritoneal space, initial site of infection, occurred in both strains. The difference in eosinophil bone marrow levels, between C57 and A/Sn mice, observed in the first four days of infection, suggests a higher eosinopoiesis capacity of the former in this period, which might contribute to their higher resistance to T. cruzi infection.A dinâmica de eosinófilos, na medula óssea, sangue e exsudato peritoneal, de uma linhagem de camundongos resistente (C57B1/6 e de uma susceptível (A/Snell foi comparativamente estudada durante a fase aguda da infecção com a cepa Y do Trypanosoma cruzi. Foi observada uma queda nos níveis de eosinófilos da medula óssea nos camundongos A/Sn, mas não nos C57, logo após a infecção, os dos primeiros permanecendo significativamente abaixo dos níveis dos últimos até o 4? dia de infecção. Os níveis de eosinófilos da medula óssea nos camundongos C57 caíram subseqüentemente a níveis próximos aos dos camundongos A/Sn, o número destas células neste compartimento permanecendo em

  20. Importância da detecção das mutações no gene FLT3 e no gene NPM1 na leucemia mieloide aguda - Classificação da Organização Mundial de Saúde 2008 Importance of detecting FLT3 and NPM1 gene mutations in acute myeloid leukemia -World Health Organization Classification 2008

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marley Aparecida Licínio

    2010-01-01

    Full Text Available As leucemias mieloides agudas (LMA constituem um grupo de neoplasias malignas caracterizadas pela proliferação descontrolada de células hematopoéticas, decorrente de mutações que podem ocorrer em diferentes fases da diferenciação de células precursoras mieloides. Em 2008, a Organização Mundial da Saúde (OMS-2008 publicou uma nova classificação para neoplasias do sistema hematopoético e linfoide. De acordo com essa classificação, para um diagnóstico mais preciso e estratificação de prognóstico de pacientes com leucemias mieloides agudas, devem-se pesquisar mutações nos genes FLT3 e NPM1. Sabe-se que a presença de mutações no gene FLT3 é de prognóstico desfavorável e que as mutações no gene NPM1 do tipo A são de prognóstico favorável. Assim, nos países desenvolvidos, a análise das mutações no gene FLT3 e NPM1 tem sido considerada como um fator de prognóstico importante na decisão terapêutica em pacientes com diagnóstico de leucemias mieloides agudas. Considerando essas informações, é de extrema importância a análise das mutações no gene FLT3 (duplicação interna em tandem - DIT - e mutação pontual D835 e no gene NPM1 como marcadores moleculares para o diagnóstico, o prognóstico e a monitoração de doença residual mínima em pacientes com leucemias mieloides agudas.Acute myeloid leukemia (AML is a group of malignancies characterized by uncontrolled proliferation of hematopoietic cells resulting from mutations that occur at different stages in the differentiation of myeloid precursor cells. In 2008, the World Health Organization (WHO-2008 published a new classification for cancers of the hematopoietic and lymphoid system. According to this classification, FLT3 and NPM1 gene mutations should be investigated for a more precise diagnosis and prognostic stratification of AML patients. It is well known that the presence of FLT3 gene mutations is considered an unfavorable prognostic factor and type

  1. Porfiria aguda intermitente, um importante e raro diagnóstico diferencial de abdômen agudo: relato de caso e revisão da literatura

    OpenAIRE

    Fernando Rogério Lara Ferreira; Carlos Augusto de Almeida Silva; Samantha Xena da Costa

    2011-01-01

    As porfirias são distúrbios metabólicos relacionados à disfunção enzimática da cadeia de biossíntese do heme, componente fundamental para formação de diversas moléculas. Tal defeito ocasiona um acúmulo de precursores (porfirinas) nocivos ao organismo. As porfirias se manifestam de maneira heterogênea através de sintomas neuroviscerais, cutâneos ou ambos, geralmente durante episódio de agudização denominado crise porfírica após a exposição a algum fator precipitante. No presente artigo é relat...

  2. Aplicação multicêntrica informatizada da coleta de dados clínicos na apendicite aguda Computerized multicentric application of data collection on acute appendicitis

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Crhistiano Coleto Druszcz

    2007-09-01

    Full Text Available RACIONAL: Um banco de dados clínicos informatizado possibilita melhor forma de coleta, resgate e cruzamento de informações para realização de pesquisa científica. Estudos multicêntricos podem ser gerados a partir da utilização destes mecanismos de forma ágil e prática. OBJETIVO: a Analisar a funcionalidade da base informatizada de dados clínicos das doenças do apêndice ileocecal; b apresentar os resultados nesta análise para validação do protocolo informatizado das doenças do cólon incorporados no SINPE© (Sistema Integrado de Protocolos Eletrônicos - INPI n° 00051543. MÉTODO: Considerando o protocolo específico das doenças do apêndice cecal, coletaram-se informações de prontuários de 862 pacientes com apendicite aguda, de forma multicêntrica, envolvendo três ambientes universitários: Hospital de Clínicas da Universidade Federal do Paraná, Hospital Universitário Evangélico de Curitiba e Hospital do Trabalhador da Universidade Federal do Paraná. O programa de coleta de dados SINPE© foi responsável pelo armazenamento, agrupamento e posterior busca das informações. RESULTADOS: O Hospital de Clínicas colaborou com 53,83% dos pacientes, enquanto que os outros dois com 31,32% e 14,85%, respectivamente. A dor abdominal foi o sintoma mais característico e mais presente do quadro clínico dos pacientes que tiveram apendicite aguda confirmada. O hemograma infeccioso (presente em 77,81% e a ecografia, visualizando alteração do apêndice cecal (presente em 67,40% foram os exames complementares mais freqüentes para se firmar o diagnóstico referido. A apendicectomia, realizada em 98,43%, foi o procedimento terapêutico padrão para a resolução da doença, tendo sido efetuada por técnica laparotômica em 92,45% - principalmente pela incisão de MacBurney (74,55%. As cefalosporinas de segunda geração foram as drogas mais empregadas em associação ao procedimento cirúrgico, seja para profilaxia ou terap

  3. Rotura de aneurismas da aorta torácica: evidência para a endo-solução Rupture of thoracic aortic aneurism: evidence for endovascular approach

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Frederico Bastos Gonçalves

    2011-09-01

    Full Text Available A rotura de aneurismas da aorta torácica descendente é uma situação rara mas frequentemente fatal, apesar do tratamento adequado. Esta revisão pretende resumir a evidência actual para o tratamento endovascular desta patologia. Na última década, a introdução de técnicas endovasculares para tratar aneurismas torácicos em rotura levou a significativas mudanças no paradigma terapêutico, associadas a uma importante redução na mortalidade peri-operatória. Estudos comparativos revelam uma redução para metade na mortalidade aos 30 dias, assim como uma redução nas complicações precoces, nomeadamente pulmonares e renais. Apesar do benefício precoce, o tratamento endovascular associa-se a uma maior taxa de complicações relacionadas com o procedimento, nomeadamente endoleaks. O seguimento imagiológico rigoroso permite a detecção precoce destas complicações permitindo a sua resolução electiva. Assim, conclui-se que o tratamento preferencial da rotura da aorta torácica descendente é a implantação de uma endoprótese aórtica, desde que anatomicamente exequível.Ruptured descending thoracic aneurysms are rare but frequently fatal conditions, despite adequate treatment. This revision aims to summarize the current evidence for endovascular repair of this pathology. In the last decade, introduction of endovascular techniques to treat ruptured thoracic aneurysms resulted in significant changes in the treatment paradigm, associated with important reductions in peri-operative mortality. Comparative studies have shown a two-fold reduction in 30-day mortality, and also a reduction in early morbidity, especially pulmonary and renal complications. Despite the early benefit, endovascular repair is associated with a higher device-related complication rate, particularly endoleaks. Rigorous follow-up allows for early detection and elective treatment of these complications. In conclusion, the preferential treatment for ruptured descending

  4. Uso do suporte ventilatório com pressão positiva contínua em vias aéreas (CPAP por meio de máscara nasofacial no tratamento da insuficiência respiratória aguda

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Scarpinella-Bueno M.A.

    1997-01-01

    Full Text Available OBJETIVO. O objetivo dos autores foi avaliar o efeito da ventilação com CPAP oferecida por meio de máscara nasofacial como método de suporte ventilatório em pacientes com insuficiência respiratória aguda com critérios de indicação para intubação traqueal. CASUÍSTICA E MÉTODO. Foram estudados 11 pacientes com idade média de 41,3 anos em insuficiência respiratória aguda internados na Unidade Respiratória do Hospital São Paulo - Escola Paulista de Medicina. À admissão, era colhida gasometria arterial em ar ambiente e monitorizava-se freqüência respiratória (f, freqüência cardíaca (FC e pressão arterial (PA. Os mesmos parâmetros eram avaliados após oxigenoterapia via máscara facial aberta e com máscara facial de CPAP usando PEEP de 5cm H2O. RESULTADOS. Com o uso de CPAP através de máscara nasofacial, houve melhora significativa dos níveis de PaO2 e diminuição da freqüência respiratória (p<0,05, quando comparados aos valores em ar ambiente e com máscara facial aberta. CONCLUSÃO. Este trabalho permitiu concluir que a máscara facial de CPAP com 5cm H2O foi eficiente em melhorar a oxigenação arterial e diminuir a freqüência respiratória dos pacientes com insuficiência respiratória aguda, proporcionando-lhes maior conforto, constituindo uma medida terapêutica capaz de evitar o suporte ventilatório invasivo.

  5. Dacriocistite aguda: relato de 2 casos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Silvia Helena Tavares Lorena

    2011-02-01

    Full Text Available A obstrução da via lacrimal no adulto pode ser congênita ou adquirida. No caso da forma adquirida, a etiologia se classifica em não específicas (o que envolve o epitélio de revestimento e/ou o plexo vascular submucoso do ducto lácrimo-nasal e específicas (infecções, inflamações, traumatismos, tumores e iatrogenias. O diagnóstico é estabelecido por meio da anamnese, seguida de avaliação clínica baseada na semiologia das vias lacrimais. Os pacientes acometidos pela obstrução da via lacrimal apresentam epífora, dores agudas e tumefação, principalmente na região do saco lacrimal, ocasionando ainda ectasia do mesmo em grau variável, podendo culminar com fistulização cutânea. Ao exame por imagem, utilizamos rotineiramente a dacriocistografia, que representa um ótimo meio de indicar a técnica cirúrgica mais viável. A dacriocistorrinostomia é indicada assim que for tratado o quadro clínico agudo inflamatório.

  6. Clinical evolution of patients hospitalized due to the first episode of Acute Coronary Syndrome Evolución clínica de pacientes internados debido el primer episodio de la Síndrome Aguda de las Coronarias Evolução clinica de pacientes internados em decorrência do primeiro episódio da Síndrome Coronariana Aguda

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Gislaine Pinn Gil

    2012-10-01

    realización de revascularización del miocardio fue diferente en los dos grupos.OBJETIVO: avaliar a evolução clínica de pacientes internados pelo primeiro episódio da síndrome coronariana aguda (SCA, segundo sua manifestação clínica. MÉTODOS: foram coletados dados de 234 pacientes internados entre maio de 2006 e julho de 2009, em decorrência do primeiro episódio de uma SCA, mediante consultas aos prontuários. RESULTADOS: a maioria (59,8% foi internada devido ao infarto agudo do miocárdio (IAM. No grupo com IAM, 19,3% apresentaram complicações e 12,8% no grupo com angina instável (AI (p=0,19. A realização de angioplastia foi maior entre os pacientes com IAM do que com AI (p=0,02 e a cirurgia de revascularização foi mais realizada entre os pacientes com AI (p=0,03. A maioria (227 - 97% sobreviveu ao evento coronariano. Entre os sete pacientes que morreram na internação, quatro tinham IAM (2,9% e três AI (3,2%. CONCLUSÕES: houve maior número de complicações entre os infartados e a realização de revascularização do miocárdio foi diferente nos dois grupos.

  7. Valor prognóstico da hiperglicemia de estresse na evolução intra-hospitalar na coronariopatia aguda Prognostic value of stress hyperglycemia for in-hospital outcome in acute coronary artery disease

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Carlos Passos Pinheiro

    2013-02-01

    Full Text Available FUNDAMENTO: Na síndrome coronariana aguda (SCA, a hiperglicemia, à admissão hospitalar, está associada à presença de eventos adversos cardiovasculares em pacientes com ou sem diabetes. OBJETIVO: Avaliar o valor prognóstico da hiperglicemia de estresse na evolução intra-hospitalar de pacientes admitidos por SCA. MÉTODOS: Foram incluídos 152 pacientes admitidos, entre setembro de 2005 e fevereiro de 2010, em unidade de dor torácica de hospital terciário com diagnóstico de SCA, que apresentavam valor da glicemia laboratorial na admissão. O grupo I foi formado pelos pacientes com hiperglicemia de estresse, definida por glicemia na admissão > 126 mg/dL em não diabéticos e > 200 mg/dL nos diabéticos, e o grupo II pelos pacientes com níveis glicêmicos inferiores aos níveis estabelecidos. Analisou-se a associação da hiperglicemia e evolução intra-hospitalar. RESULTADOS: A hiperglicemia de estresse associou-se a complicações intra-hospitalares, aumento da idade e gênero feminino. Na análise multivariada, apenas gênero feminino (OR = 2,04; IC95% 1,03 - 4,06, p = 0,007 e complicações intra-hospitalares (OR = 3,65; IC95% 1,62 - 8,19, p = 0,002 se associaram de forma independente à hiperglicemia na admissão. CONCLUSÃO: A hiperglicemia de estresse é fator preditivo independente para complicações intra-hospitalares após SCA em pacientes diabéticos ou não. Os resultados alertam para a necessidade de avaliarmos a glicemia na admissão em todos os pacientes admitidos por SCA, incluindo os não diabéticos, com o intuito de identificarmos os indivíduos com maior risco de complicações.BACKGROUND: In acute coronary syndrome (ACS, admission hyperglycemia is associated with adverse cardiovascular events in diabetic and nondiabetic patients. OBJECTIVE: To assess the prognostic value of stress hyperglycemia for the in-hospital outcome of patients admitted due to ACS. METHODS: This study included 152 patients admitted to the

  8. Desempenho da potência anaeróbia em atletas de elite do mountain bike submetidos à suplementação aguda com creatina Anaerobic power output of elite off-road cyclists with acute oral creatine supplementation

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Guilherme Eckhardt Molina

    2009-10-01

    Full Text Available Com o objetivo de investigar os efeitos da suplementação aguda com creatina no desempenho da potência anaeróbia de atletas de elite do mountain bike, 20 atletas em período básico do macrociclo de treinamento foram distribuídos aleatoriamente (duplo-cego em dois grupos: placebo (PLA, n = 10 e creatina (CRE, n = 10. Foram avaliados quanto à composição corporal (pesagem hidrostática e potência anaeróbia (teste de Wingate - TW antes (PRÉ e depois (PÓS de sete dias de suplementação. A creatina ou maltodextrina foi usada em três doses diárias de 0,3g/kg de massa corporal diluídos em meio líquido adoçado. Não foram observadas diferenças significativas nas variáveis morfológicas após sete dias de suplementação (PRÉ x PÓS, e os grupos não diferiram apesar da variação percentual (Δ% contrária (positiva para o grupo CRE e negativa para o PLA. A potência anaeróbia pico (PP e o instante da potência pico (IPP aumentaram e o índice de fadiga diminuiu do PRÉ para o PÓS-testes no grupo CRE, enquanto que o grupo PLA não apresentou diferenças significantes. A PP apresentou forte tendência em ser maior e o IPP foi maior no grupo CRE comparado com o PLA. Conclui-se que existem evidências de que a suplementação com creatina (0,3g/kg em curto prazo (sete dias pode retardar o IPP (CRE 3,0 ± 0,5/3,6 ± 0,8 Δ%= 20% no teste de Wingate em atletas de elite do mountain bike, sugerindo que a suplementação com creatina pode melhorar o desempenho físico quanto à potência anaeróbia durante o trabalho de alta intensidade e curta duração.In order to investigate the effect of a high dose, acute oral creatine supplementation on anaerobic power of male off-road cyclists, twenty elite athletes training at the basic period were randomly (double-blind assigned into 2 groups: placebo (PLA n=10 and creatine (CRE n=10. They were submitted to a body composition evaluation (underwater weighting and Wingate Anaerobic Test (TW before

  9. Vesicular stomatitis virus (indiana 2 serotype as experimental model to study acute encephalitis – morphological features Vírus da estomatite vesicular (sorotipo indiana 2 como modelo experimental para o estudo de encefalite aguda – aspectos morfológicos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Florêncio Figueiredo Cavalcanti Neto

    2003-10-01

    ículos cerebrais, multiplicando-se em células do epêndima e em neurônios, além de utilizar o transporte retrógado e anterógrado. Constatamos que devido à facilidade de manipulação do vírus, este modelo experimental tem sido utilizado em inúmeros trabalhos de pesquisa em diversas áreas. Se por um lado, os relatos sobre a patogenia da infecção são numerosos, por outro lado, ainda existem muitas lacunas que envolvem, por exemplo, aspectos sobre a transmissão do vírus, a recuperação dos animais infectados e a participação de células gliais durante a fase aguda e a fase de recuperação dos animais.  

  10. Ruptured thoracic aortic aneurysm in patient with systemic lupus erythematosus Aneurisma roto da aorta descendente em paciente com lúpus eritematoso sistêmico

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Daniel Oliveira De Conti

    2011-03-01

    Full Text Available It is reported a ruptured descending thoracic aortic aneurysm in a 25-year-old systemic lupus erythematosus woman who underwent 19 years steroid therapy. She was treated with 2 endovascular stent-grafts, discharged from hospital 13 days after the procedure in good health. Three months later she returned with hemorrhagic shock due to high digestive hemorrhage secondary to an aortic-esophageal fistula. She underwent to an open emergency surgery, and died during the post-operative period.Paciente de 25 anos, do sexo feminino, portadora de lúpus eritematoso sistêmico, fazendo uso de corticoesteroide havia 19 anos, deu entrada em unidade de emergência com aneurisma roto de aorta torácica descendente. Foi submetida a tratamento endovascular com 2 stents, recebeu alta hospitalar no 13º dia de pós-operatório, em boas condições de saúde. Três meses depois, retornou em choque hemorrágico secundário a hemorragia digestiva alta. Feito o diagnóstico de fístula aorto-esofágica, foi submetida à cirurgia aberta de emergência, indo a óbito durante o período pós-operatório.

  11. Porfiria aguda intermitente, um importante e raro diagnóstico diferencial de abdômen agudo: relato de caso e revisão da literatura

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fernando Rogério Lara Ferreira

    2011-12-01

    Full Text Available As porfirias são distúrbios metabólicos relacionados à disfunção enzimática da cadeia de biossíntese do heme, componente fundamental para formação de diversas moléculas. Tal defeito ocasiona um acúmulo de precursores (porfirinas nocivos ao organismo. As porfirias se manifestam de maneira heterogênea através de sintomas neuroviscerais, cutâneos ou ambos, geralmente durante episódio de agudização denominado crise porfírica após a exposição a algum fator precipitante. No presente artigo é relatado caso de crise porfírica inicialmente diagnosticado como abdômen agudo e tratado com laparotomia exploradora inconclusiva, seguido de revisão de literatura. Durante o pós operatório o quadro evoluiu com sinais neurológicos de tetraparesia, tetraplegia e desconforto respiratório que sugeriam o diagnóstico de síndrome de Guillain-Barré, hipótese afastada após análise do líquor que não mostrou dissociação albumino-citológica. Admitida em unidade de terapia intensiva, dado o quadro neurológico e a necessidade de suporte ventilatório, apresentou colúria e crises convulsivas sendo feita a hipótese de crise porfírica, confirmada com a dosagem de porfirinas na urina de 24 horas. Iniciado o tratamento de suporte, porém, sem o uso de derivados do heme devido a indisponibilidade, a paciente evoluiu com infecção hospitalar, disfunção orgânica e óbito. A porfiria deve ser levada em consideração nos casos agudos de dor abdominal de causa desconhecida, associada a sinais neurológicos como paresias, distúrbios hidroeletrolíticos e psiquiátricos, especialmente em pacientes com presença de fatores precipitantes, história de crises recorrentes e história familiar positiva para porfiria.

  12. Dispnéia aguda e morte súbita em paciente com má percepção da intensidade da obstrução brônquica Acute breathlessness and sudden death in a patient with blunted perception of the intensity of bronchial obstruction

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    ADEMIR SOUZA-MACHADO

    2001-11-01

    Full Text Available Asmáticos com doença grave e má percepção da intensidade da obstrução brônquica provavelmente apresentam risco elevado de morte por asma. Os autores descrevem o caso de uma mulher de 52 anos com asma, cujos testes, em um estudo prospectivo para identificação de pacientes com percepção alterada da intensidade da obstrução brônquica, haviam mostrado o escore mínimo da escala visual analógica na presença de VEF1 e PFE matinal reduzidos. Após o estudo, a paciente voltou ao ambulatório sem queixas e com exame físico normal, relatando estar sem uso de nenhuma medicação e, abruptamente, ainda no ambulatório, desenvolveu dispnéia não reversível. A má percepção da intensidade da obstrução brônquica provavelmente concorreu para a insuficiência respiratória aguda e a morte da paciente.Patients with severe asthma and blunted perception of their bronchial obstruction are likely to have elevated risk of death from asthma. The authors describe the case of a 52-year-old woman with asthma whose test results, in a prospective study for the identification of patients with blunted perception of the intensity of their own bronchial obstruction, showed the minimum score in the analogic visual scale in the presence of reduced morning FEV1 and EFP. After the study, the patient was seen at the outpatient clinic. He had no complaints, seemed normal at physical examination and reported to be using no medication at all. Then, while still in the clinic, he suddenly developed dyspnea, respiratory failure, and non-revertible cardio-respiratory failure. Blunted perception of the bronchial obstruction severity probably contributed to the development of acute respiratory failure and death of the patient.

  13. Effect of acute administration of ketamine and imipramine on creatine kinase activity in the brain of rats Efeito da administração aguda da cetamina e imipramina sobre a atividade da creatina quinase no encéfalo de ratos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Lara C. Assis

    2009-09-01

    Full Text Available OBJECTIVE: Clinical findings suggest that ketamine may be used for the treatment of major depression. The present study aimed to compare behavioral effects and brain Creatine kinase activity in specific brain regions after administration of ketamine and imipramine in rats. METHOD: Rats were acutely given ketamine or imipramine and antidepressant-like activity was assessed by the forced swimming test; Creatine kinase activity was measured in different regions of the brain. RESULTS: The results showed that ketamine (10 and 15mg/kg and imipramine (20 and 30mg/kg reduced immobility time when compared to saline group. We also observed that ketamine (10 and 15mg/kg and imipramine (20 and 30mg/kg increased Creatine kinase activity in striatum and cerebral cortex. Ketamine at the highest dose (15mg/kg and imipramine (20 and 30mg/kg increased Creatine kinase activity in cerebellum and prefrontal cortex. On the other hand, hippocampus was not affected. CONCLUSION: Considering that metabolism impairment is probably involved in the pathophysiology of depressive disorders, the modulation of energy metabolism (like increase in Creatine kinase activity by antidepressants could be an important mechanism of action of these drugs.OBJETIVO: Vários achados clínicos sugerem que a cetamina apresenta efeito antidepressivo. O presente estudo tem como objetivo comparar efeitos comportamentais e a atividade da creatina quinase em regiões específicas do encéfalo após a administração de cetamina e imipramina em ratos. MÉTODO: Ratos Wistar receberam uma administração aguda de cetamina ou imipramina e a atividade antidepressiva foi avaliada pelo teste de nado forçado; a atividade da creatina quinase foi medida em diferentes regiões encefálicas. RESULTADOS: Os resultados mostraram que a cetamina (10 e 15mg/kg e a imipramina (20 e 30mg/kg diminuíram o tempo de imobilidade quando comparados ao grupo salina. Também foi observado que a cetamina (10 e 15mg/kg e a

  14. Acute Respiratory Failure As A Manifestation Of Eosinophilia-myalgia Syndrome Associated With L-tryptophan Intake [insuficiência Respiratória Aguda Como Manifestaçã O Da Síndrome De Eosinofilia-mialgia Associada à Ingestão De L-triptofano

    OpenAIRE

    Tiago de Araujo Guerra Grangeia; Marcelo Schweller; Ilma Aparecida Paschoal; Lair Zambon; Mônica Corso Pereira

    2007-01-01

    A síndrome da eosinofilia-mialgia foi descrita em 1989 em pacientes que apresentavam mialgia progressiva e incapacitante e eosinofilia sérica, nos líquidos e secreções. A maioria dos pacientes relatava uso prévio de L-triptofano. Sintomas respiratórios são relatados em até 80% dos casos, eventualmente como manifestação única. O tratamento inclui suspensão da droga e corticoterapia. Relatamos o caso de uma mulher de 61 anos com insuficiência respiratória aguda após uso de L-triptofano, hidroxi...

  15. Efeitos hemodinâmicos da oclusão da aorta durante anestesia inalatória com isoflurano e sevoflurano: estudo experimental em cães Efectos hemodinámicos de la oclusión de la aorta durante anestesia por inhalación con isoflurano y sevoflurano: estudio experimental en perros Hemodynamic effects of aortic occlusion during inhalational anesthesia with isoflurane and sevoflurane: experimental study in dogs

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Artur Udelsmann

    2006-06-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: A supressão do fluxo aórtico e sua posterior liberação em intervenções cirúrgicas da aorta ocasionam importantes distúrbios hemodinâmicos. O objetivo deste estudo foi avaliar essas alterações em cães anestesiados com isoflurano ou sevoflurano. MÉTODO: Foram estudados 41 cães, divididos em dois grupos segundo o anestésico empregado na manutenção com 1 CAM: GI (n = 21 isoflurano; GS (n = 20 sevoflurano. Foi realizada a oclusão aórtica por insuflação de balão intra-arterial infradiafragmático por 30 minutos. Os parâmetros hemodinâmicos foram observados nos momentos M1 (controle, M2 e M3, 15 e 30 minutos após a oclusão aórtica, M4 e M5, 15 e 30 minutos após a desinsuflação do balão. RESULTADOS: Durante a oclusão da aorta, observou-se aumento da pressão arterial média (PAM, da pressão venosa central (PVC, da pressão de artéria pulmonar (PAP, da pressão de capilar pulmonar (PCP e da resistência vascular sistêmica (RVS sem aumento da resistência vascular pulmonar (RVP e do débito cardíaco (DC. O DC manteve-se mais estável com o isoflurano comparado com o sevoflurano, com o qual apresentou diminuição após a oclusão. A freqüência cardíaca teve diminuição inicial seguida de aumento durante a oclusão sendo em GS mais expressiva do que em GI, porém sem diferença significativa entre os grupos. O volume sistólico não teve grandes alterações; o trabalho sistólico dos ventrículos esquerdo e direito aumentou após a oclusão de forma semelhante nos dois grupos. Com a liberação do fluxo PAM, PVC, PAP, PCP e RVS diminuíram, a RVP aumentou nos dois grupos; o trabalho ventricular diminuiu abruptamente. CONCLUSÕES: O estudo demonstrou ser o isoflurano mais bem indicado nessas intervenções cirúrgicas por causar menores alterações hemodinâmicas.JUSTIFICATIVA Y OBJETIVOS: La supresión del flujo aórtico y su posterior liberación en intervenciones quirúrgicas de la

  16. RT-PCR em pools de soros sangüíneos para o diagnóstico da infecção aguda e de animais persistentemente infectados pelo vírus da diarréia viral bovina RT-PCR in pools of bovine blood serum to detect acute infection and persistently infected animals with bovine viral diarrhea virus

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    D. Pilz

    2007-02-01

    Full Text Available Utilizou-se a técnica da RT-PCR para a detecção da região 5' UTR do genoma do vírus da diarréia viral bovina (BVDV em pools de soros sangüíneos provenientes de um rebanho, constituído por 226 animais, que apresentava distúrbios da reprodução. A partir das amostras individuais de soro e de acordo com a categoria dos animais e o número de animais por categoria foram formados 10 pools (A a J de soros. A primeira avaliação revelou a amplificação de um produto com 290pb nas reações referentes aos grupos D (35 vacas e H (25 bezerros lactentes que, após o desmembramento em amostras individuais, resultou na identificação de 11 vacas lactantes e 12 bezerros em amamentação positivos. Para a identificação de animais persistentemente infectados (PI entre os 23 positivos na primeira avaliação, realizou-se a segunda colheita de soros sangüíneos, três meses após. A RT-PCR das amostras individuais de soro revelou resultado positivo em cinco bezerros. Em dois, foi possível isolar o BVDV em cultivo de células MDBK. A especificidade das reações da RT-PCR foi confirmada pelo seqüenciamento dos produtos amplificados a partir do soro de uma vaca com infecção aguda, de um bezerro PI e das duas amostras do BVDV isoladas em cultivo celular. A utilização da RT-PCR em pools de soros sangüíneos demonstrou ser uma estratégia rápida de diagnóstico etiológico e de baixo custo tanto para a detecção de infecção aguda quanto de animais PI.The 5' untranslated region of the bovine viral diarrhea virus (BVDV genome was detected by RT-PCR assay in pools of blood sera samples collected from a cattle herd (n=226 animals with reproductive failures. Based on the classes of animal and the number of animals per class, the individual blood serum samples were distributed in 10 sera pools (A to J. During the first evaluation a 290bp amplicon was amplified in reactions from groups D (35 cows and H (25 sucking calves. The individual analysis

  17. O papel da ventilação líquida no tratamento da insuficiência respiratória aguda em crianças - uma revisão sistemática The role of liquid ventilation in the treatment of acute respiratory failure in children - a systematic review

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Patrícia Freitas Góes

    2006-04-01

    Full Text Available OBJETIVO: A ventilação líquida consiste no preenchimento total ou parcial dos pulmões por líquido (perfluorocarbono, eliminando a interface ar-líquido da membrana alveolar e reduzindo a tensão superficial em pulmões com deficiência de surfactante. Este trabalho tem como objetivo avaliar o papel da ventilação líquida no tratamento da insuficiência respiratória aguda em crianças. MÉTODOS: A técnica empregada foi uma revisão sistemática da literatura sobre ventilação líquida. O levantamento bibliográfico utilizou os bancos de dados MEDLINE, LILACS, COCHRANE LIBRARY e referências de artigos. Os termos utilizados para pesquisa foram: liquid ventilation, respiratory distress syndrome, meconium aspiration syndrome, congenital diaphragmatic hernia e acute respiratory distress syndrome. Foram procurados ensaios clínicos randômicos, estudos de coorte, caso-controle e série de casos. Os desfechos avaliados foram resposta sobre a oxigenação sangüínea, mecânica respiratória e a sobrevida dos pacientes. RESULTADOS: Foram selecionadas 284 publicações relacionadas à ventilação líquida durante o período de estudo. Destas, 22 (7,7% eram ensaios clínicos, e apenas seis referiam-se à utilização da ventilação líquida em crianças. Todas as seis publicações foram caracterizadas como série de casos e analisadas separadamente. CONCLUSÃO: A partir da análise dos estudos clínicos, pôde-se concluir que, pela falta de estudos clínicos randômicos e controlados, a ventilação líquida não pode ser recomendada como terapia para insuficiência respiratória aguda em pediatria.BACKGROUND: Liquid Ventilation consists of partially or completely filling the lungs with a fluid (perfluorcarbon. This brings about elimination of the air-liquid interface and reduction of the surface tension in lungs with surfactant deficiency. This article focuses on the role of liquid ventilation in the treatment of acute respiratory failure in

  18. Insuficiência renal aguda: principais causas e a intervenção de enfermagem em UTI

    OpenAIRE

    Silva, Carla Monteiro Santos da; Silva, Doralice de Almeida Nascimento; Silva, Gleise Gonçalves Passos; Maia, Luiz Faustino dos Santos; Editor Científico; Oliveira, Tatiana Santana de

    2016-01-01

    A insuficiência renal aguda é uma patologia grave que pode ser reversível é considerada uma das principais complicações nos pacientes da unidade de terapia intensiva. Teve como objetivo descrever de acordo com a literatura as principais causas de insuficiência renal e a intervenção de enfermagem. Trata-se de uma pesquisa descritiva de revisão da literatura, por meio da qual realizou-se um levantamento da produção científica relacionada a insuficiência renal aguda nas bases de dados LILACS, Sc...

  19. Acute and chronic pain: a narrative review of the literature Dolor agudo y crónico: revisión narrativa de la literatura Dor aguda e crônica: revisão narrativa da literatura

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ana Maria Calil Sallum

    2012-01-01

    Full Text Available The study objectives were to identify the organic, emotional and psychic prevalent consequences in patients with acute and chronic pain and punctuate the main assessment tools for these pains. A narrative review of the literature was conducted using descriptors related to pain measurement, signs and symptoms, totalizing 184 articles. The electronic databases MEDLINE and LILACS were searched from January 2000 to December 2010. The review pointed out a series of conclusive studies about the organic repercussions more frequent in acute and chronic pain conditions and the use of different rating scales for both situations. It is believed that these findings could be of great values for health teams, could contribute with a better practice and with customer satisfaction in the hospital scenario and at home.Los objetivos del estudio fueron identificar las repercusiones orgánicas, emocionales y psíquicas prevalentes en pacientes con dolor agudo y dolor crónico y puntuar los principales instrumentos de evaluación para esos dolores. Se realizó una revisión narrativa de la literatura, utilizándose descriptores relacionados a la medición del dolor, cuidados de enfermería, signos y síntomas, en un total de 184 artículos. Las bases electrónicas investigadas fueron LILACS y MEDLINE, entre enero de 2000 a diciembre de 2010. Esta revisión puntuó una serie de estudios conclusivos sobre las repercusiones orgánicas más frecuentes en los cuadros álgicos agudos y crónicos y el uso de escalas de evaluación distintas para ambas situaciones. Se cree que esos hallazgos podrán ser de gran valía para los equipos de salud y que contribuya con mejores prácticas y satisfacción del cliente en los escenarios intra hospitalario y domiciliario.Os objetivos do estudo foram identificar as repercussões orgânicas, emocionais e psíquicas prevalentes em pacientes com dor aguda e dor crônica e pontuar os principais instrumentos de avaliação para essas dores

  20. Evidência sorológica da infecção aguda pelo Toxoplasma gondii em gestantes de Cascavel, Paraná Serological evidence of acute Toxoplasma gondii infection in pregnant women in Cascavel, Paraná

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Sônia de Lucena Mioranza

    2008-12-01

    Full Text Available Para verificar a ocorrência da toxoplasmose em Cascavel, Paraná, cidade próxima a região onde ocorreu o maior surto epidêmico descrito mundialmente, 334 amostras de soros de gestantes foram triadas pelo ensaio imunoenzimático comercial IgG no Laboratório Municipal de Cascavel, e confirmadas no Instituto de Medicina Tropical de São Paulo por imunofluorescência IgG, ensaio imunoenzimático e avidez de IgG in house. A soropositividade pelo IgG comercial foi 54,2%, pela imunofluorescência 54,8% e pelo IgG in house 53,9%, com boa concordância entre imunofluorescência/IgG comercial (Kappa=0,963781; co-positividade=97,8%; co-negatividade=98,7% e imunofluorescência/IgG in house (Kappa=0,975857; co-positividade=97,8%; co-negatividade=100%. A evidência de infecção aguda nas gestantes foi similar tanto pela avidez de IgG (2,4% ao ano como pela análise estatística de tendência (teste χ2 por faixa etária (2% ao ano, sugerindo que a triagem sorológica pré-natal e a vigilância epidemiológica são imprescindíveis para redução do risco da toxoplasmose na região, embora sem evidência de surto epidêmico.In order to investigate the incidence of toxoplasmosis in Cascavel, Paraná, a city near the region where the largest reported epidemic outbreak in the world occurred, 334 serum samples from pregnant women were screened using a commercial IgG immunoenzymatic assay at the Municipal Laboratory in Cascavel and were confirmed at the Institute of Tropical Medicine in São Paulo, by means of IgG immunofluorescence, immunoenzymatic assaying and the in-house IgG avidity test. The IgG seropositivity from the commercial test was 54.2%, from immunofluorescence 54.8% and from the in-house IgG 53.9%, with good agreement between immunofluorescence and the commercial IgG test (kappa = 0.963781; co-positivity = 97.8%; co-negativity = 98,7% and between immunofluorescence and the in-house IgG (kappa = 0.975857; co-positivity = 97.8%; co

  1. Tratamento endovascular de aneurismas da aorta em pacientes com doença de Behçet: relato de dois casos Endovascular treatment of aortic aneurysms in patients with Behcet's disease: report of two cases

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Sergio Quilici Belczak

    2010-06-01

    Full Text Available A doença de Behçet, uma vasculite sistêmica de causa desconhecida, pode ser causa de doença aneurismática da aorta em alguns portadores dessa patologia. Nós apresentamos nossa experiência com dois casos de aneurismas aórticos em pacientes com doença de Behçet submetidos à terapêutica endovascular, descrevendo seus respectivos seguimentos. A terapêutica atual, a patofisiologia e os critérios diagnósticos vigentes foram revisados. Concluímos que a técnica endovascular é uma excelente opção terapêutica para certos pacientes com doença de Behçet e que esta deve ser acompanhada de tratamento imunossupressivo adequado.Behcet's disease, a systemic vasculitis of unknown etiology, may be the cause of aortic aneurysmal diseases in some patients. We report our experience with two Behcet's disease patients who presented with aortic aneurysms and were submitted to endovascular therapy, and describe their respective follow-ups. Current pathophysiology, diagnosis, and treatment approaches were reviewed. Our experience suggests that the endovascular approach, combined with adequate immunosuppressive treatment, is an excellent therapeutic option for some patients with Behcet's disease suffering from aneurysms.

  2. Mortalidade relacionada ao tratamento endovascular do aneurisma da aorta abdominal com o uso dos modelos revisados Procedure-related mortality of endovascular abdominal aortic aneurysm repair using revised reporting standards

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Gosen Gabriel Konig

    2007-03-01

    Full Text Available OBJETIVO: O objetivo do estudo foi avaliar a definição da mortalidade relacionada ao procedimento após tratamento endovascular do aneurisma de aorta abdominal (EVAR como definido pelo Committee for Standardized Reporting Practices in Vascular Surgery. MÉTODO: Dados de pacientes com aneurisma de aorta abdominal foram analisados do banco de dados EUROSTAR. Os pacientes foram submetidos ao EVAR entre junho de 1996 a fevereiro de 2004 e foram estudados retrospectivamente. A probabilidade explicita da causa de morte foi registrada. O intervalo entre a operação, alta hospitalar ou intervenção secundária até a morte foi registrado. RESULTADOS: De um total de 5612 pacientes, 589 (10,5% faleceram após o EVAR em acompanhamento total e qualquer causa de morte foi inclusa. Cento e quarenta e um pacientes (12,5% morreram devido a causa relacionada ao aneurisma, sendo que 28 (4,8% foram rupturas, 25 (4,2% infecções do implante e 88 (14,9% foram pacientes que morreram num prazo de 30 dias após o procedimento inicial (definição atualmente utilizada, também conhecido como resultado clínico a curto prazo. Além disso, 25 pacientes faleceram após 30 dias, mas continuavam ainda hospitalizados (ou transferidos a home-care para reavaliação posterior, ou necessitaram intervenção secundária. Levando em conta a duração da admissão ao hospital e a mortalidade imediata após o procedimento relacionada a intervenções secundárias, 49 mortes tardias também podem ser relacionadas ao EVAR. CONCLUSÃO: Morte tardia compõe uma proporção considerável da mortalidade relacionada ao EVAR dentro do tempo de análise revisado.OBJECTIVE: The aim of this study was to evaluate the definition of Procedure-related mortality after endovascular aneurysm repair (EVAR as defined by the Committee for Standardized Reporting Practices in Vascular Surgery. METHODS: Data on patients with an AAA were taken from the EUROSTAR database. The patients underwent EVAR

  3. Avaliação pós-operatória do tratamento endovascular de aneurismas da aorta abdominal por angiotomografia com multidetectores Post-operative evaluation of endovascularly treated abdominal aortic aneurysms by multidetector computed tomography angiography

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fabiana Barroso Thomaz

    2008-08-01

    Full Text Available OBJETIVO: Este estudo tem como objetivo a avaliação pós-operatória do tratamento endovascular de aneurismas da aorta abdominal por angiotomografia com multidetectores. MATERIAIS E MÉTODOS: Foram analisadas, retrospectivamente, angiotomografias de 166 pacientes (137 homens e 29 mulheres com idade média de 73 anos portadores de aneurisma da aorta abdominal submetidos a terapêutica endovascular, no período de junho de 2005 a agosto de 2006. Os exames foram feitos em tomógrafo multidetector de 64 canais e os parâmetros adotados foram: colimação, 0,625 mm; pitch, 0,6-1; mAs, 300-400; kV, 120. Em todos os casos foi utilizado meio de contraste iodado não-iônico (350 mg/ml administrado por meio de bomba infusora, com fluxo de 4 ml/s a 5 ml/s e com volume variável de 70 ml a 100 ml. Os exames foram avaliados quanto à presença de complicações. RESULTADOS: Dos 166 exames realizados, 93 pacientes não apresentaram complicações e 73 apresentaram os seguintes achados: endoleak (n=37, trombose circunferencial da endoprótese (n=29, angulação (n=17, coleção no sítio de punção (n=10, migração da prótese (n=7, dissecção dos vasos de acesso (n=7 e oclusão (n=6. CONCLUSÃO: O endoleak foi a complicação mais prevalente em nosso estudo, sendo o tipo II o mais comum.OBJECTIVE: The present study was aimed at evaluating endovascularly treated abdominal aortic aneurysms by multidetector computed tomography angiography. MATERIALS AND METHODS: Multidetector computed tomography angiography studies of 166 patients were retrospectively analyzed. The sample included 137 men and 29 women with mean age of 73 years who had undergone endovascular treatment for abdominal aortic aneurysm in the period between June 2005 and August 2006. Images were acquired in a 64-channel multidetector tomograph adopting the following parameters: 0.625 mm collimation, pitch 0.6-1, 300-400 mAs, and 120 kV. A nonionic iodinated contrast agent (350 mg/ml was injected

  4. Colecistitis aguda por Streptococcus constellatus

    OpenAIRE

    M Sandra Gómez-Canosa; Cristina Lijó-Carballeda; Begoña Vázquez-Vázquez; M José Bello-Peón

    2016-01-01

    Presentamos el caso de una paciente de edad avanzada y significativa comorbilidad que se diagnosticó de colecistitis aguda por Streptococcus constellatus. El drenaje de la vesícula biliar por colecistostomía percutánea, asociado a penicilinas, ha conseguido una evolución favorable. We report the case of a patient of advanced age and significant comorbidity diagnosed acute cholecystitis by Streptococcus constellatus. Gallbladder drainage by percutaneous cholecystostomy associated ...

  5. Modulação da pressão intracraniana em um modelo experimental de hipertensão abdominal e lesão pulmonar aguda Factors associated with variation in intracranial pressure in a model of intra-abdominal hypertension with acute lung injury

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fernando Godinho Zampieri

    2011-06-01

    Full Text Available OBJETIVO: Avaliar o efeito de alterações hemodinâmicas, respiratórias e metabólicas sobre a pressão intracraniana em um modelo de lesão pulmonar aguda e síndrome compartimental abdominal. MÉTODOS: Oito porcos Agroceres foram submetidos, após a instrumentação, a cinco cenários clínicos: 1 estado basal com baixa pressão intra-abdominal e pulmão sadio; 2 pneumoperitôneo, com pressão intra-abdominal de 20 mm Hg; 3 lesão pulmonar aguda induzida por lavagem pulmonar e desativação de surfactante; 4 pneumoperitôneo com pressão intra-abdominal de 20 mm Hg na vigência de lesão pulmonar aguda e com PEEP baixo; e 5 PEEP ajustado a 27 cm H2O na vigência de pneumoperitôneo e lesão pulmonar aguda. Variáveis respiratórias e hemodinâmicas foram coletadas. Análise multivariada foi realizada buscando as variáveis associadas com elevação da pressão intracraniana nos cinco cenários estudados. RESULTADOS: Após a análise multivariada, nas situações não associadas com lesão pulmonar aguda apenas a pressão de platô das vias aéreas se correlacionou positivamente com a pressão intracraniana. Nos modelos associados com lesão pulmonar aguda, a pressão de platô de vias aéreas, a pressão arterial de CO2, o CO2 no final da expiração e a pressão venosa central se correlacionaram positivamente com incrementos da pressão intracraniana. CONCLUSÃO: Em um modelo de disfunção orgânica múltipla com situações clínicas associadas com aumento da pressão torácica e abdominal, o incremento da pressão intracraniana desencadeado pela elevação da pressão abdominal parece ser decorrente da piora da complacência do sistema respiratório e da redução do gradiente para drenagem venosa cerebral ocasionado pela elevação da pressão venosa central.OBJECTIVE: To evaluate the effects of hemodynamic, respiratory and metabolic changes on intracranial pressure in a model of acute lung injury and abdominal compartment syndrome

  6. Insuficiência renal aguda e febre prolongada – um caso de nefrite intersticial aguda induzida por fármacos

    OpenAIRE

    Melo, Cláudia; Santos Silva, Rita; Tomé, Soraia; Carvalho, Sónia; Teixeira, Paulo

    2013-01-01

    A nefrite intersticial aguda (NIA) é uma causa de insuficiência renal aguda em idade pediátrica. A etiologia medicamentosa é a mais frequente e o tratamento primário da NIA consiste na eliminação do agente etiológico suspeito. Descreve-se o caso de uma adolescente, de 15 anos, com uma síndrome febril com 24 dias de evolução, acompanhado de exantema maculopapular e insuficiência renal aguda (IRA). Após exclusão de etiologias mais frequentes, foi diagnosticada NIA induzida por fármacos e após d...

  7. Ataxias agudas en la infancia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Yaline Betancourt Fursow

    2013-09-01

    Full Text Available La ataxia cerebelosa aguda infantil (ACAI es la forma más frecuente de complicación neurológica por el virus de la varicela.Descritas dentro del grupo de las cerebelitis agudas. Los objetivos de este estudio fueron: evaluar la presentación clínica, manejo y seguimiento de niños hospitalizados con ACAI en un hospital pediátrico terciario donde la inmunización para varicela no está disponible (parte I y describir los diagnósticos diferenciales de la cerebelitis aguda (parte II. Estudiamos 95 pacientes. Los criterios diagnósticos de ataxia aguda se basaron en: pérdida aguda de la coordinación o dificultad para la marcha con o sin nistagmo asociado y duración menor de 48 horas, en un niño previamente sano. Estos criterios se cumplían en todos los casos valorados, excepto en las ataxias secundarias a ingesta de tóxicos, en los que la duración debía ser menor de 24 horas para su inclusión en el estudio. Se registraron los datos en una historia clínica pediátrica y neurológica. Entre los pacientes inmunosuprimidos la incidencia mayor fue la complicación por varicela. La mayoría de los pacientes fueron varones. El rango de edad fue la preescolar, 5 años . El intervalo entre la presentación del rash y el ingreso fue de 1 a 3 días. El estudio de LCR se practicó en 59.5% de los casos. La TAC y la resonancia magnética cerebral (RM presentaron edema en el 33.3%. El aciclovir endovenoso fue utilizado en 23 pacientes; pero no hubo diferencias significativas en las manifestaciones clínicas y seguimiento entre tratados y no tratados. La ataxia fue la primera manifestación clínica. La estadía hospitalaria fue de 4 días (rango: 2-11 días.

  8. Facts about Coarctation of the Aorta

    Science.gov (United States)

    ... Websites Information For... Media Policy Makers Facts about Coarctation of the Aorta Recommend on Facebook Tweet Share ... the body, is narrower than usual. What is Coarctation of the Aorta? Coarctation of the aorta is ...

  9. Fatores envolvidos na migração das endopróteses em pacientes submetidos ao tratamento endovascular do aneurisma da aorta abdominal Factors involved in the migration of endoprosthesis in patients undergoing endovascular aneurysm repair

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marcelo José de Almeida

    2010-06-01

    Full Text Available A migração da endoprótese é complicação do tratamento endovascular definida como deslocamento da ancoragem inicial. Para avaliação da migração, verifica-se a posição da endoprótese em relação a determinada região anatômica. Considerando o aneurisma da aorta abdominal infrarrenal, a área proximal de referência consiste na origem da artéria renal mais baixa e, na região distal, situa-se nas artérias ilíacas internas. Os pacientes deverão ser monitorizados por longos períodos, a fim de serem identificadas migrações, visto que estas ocorrem normalmente após 2 anos de implante. Para evitar migrações, forças mecânicas que propiciam fixação, determinadas por características dos dispositivos e incorporação da endoprótese, devem predominar sobre forças gravitacionais e hemodinâmicas que tendem a arrastar a prótese no sentido caudal. Angulação, extensão e diâmetro do colo, além da medida transversa do saco aneurismático, são importantes aspectos morfológicos do aneurisma relacionados à migração. Com relação à técnica, não se recomenda implante de endopróteses com sobredimensionamento excessivo (> 30%, por provocar dilatação do colo do aneurisma, além de dobras e vazamentos proximais que também contribuem para a migração. Por outro lado, endopróteses com mecanismos adicionais de fixação (ganchos, farpas e fixação suprarrenal parecem apresentar menos migrações. O processo de incorporação das endopróteses ocorre parcialmente e parece não ser suficiente para impedir migrações tardias. Nesse sentido, estudos experimentais com endopróteses de maior porosidade e uso de substâncias que permitam maior fibroplasia e aderência da prótese à artéria vêm sendo realizados e parecem ser promissores. Esses aspectos serão discutidos nesta revisão.Migration of the endoprosthesis is defined as the misplacement of its initial fixation. To assess the migration, the position of the

  10. Hematogônias: distinção com blastos da leucemia linfóide aguda de células B por citometria de fluxo Hematogones: differentiation from B-lineage acute lymphoblastic leukemia by flow cytometry

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fátima M. G. Jorge

    2006-12-01

    Full Text Available Hematogônias são precursores normais de linhagem B que apresentam características morfológicas e, algumas vezes, imunológicas similares aos linfoblastos das leucemias linfóides agudas (LLA. O objetivo desse trabalho é realizar análise comparativa por citometria de fluxo, utilizando três cores, entre sub-populações de hematogônias e blastos da LLA-B, em crianças. O Grupo 1 constou de amostras de medulas ósseas, não neoplásicas, que apresentaram hematogônias identificadas pela microscopia óptica e o Grupo 2 de casos novos de LLA-B. O painel de anticorpos monoclonais utilizado era direcionado para: CD19, CD10, CD45, CD34, IgM, TdT e CD22. A análise das hematogônias, utilizando como parâmetro a intensidade de fluorescência de CD10 X CD45, mostrou três sub-populações representando células imaturas, intermediárias e maduras. A expressão dos marcadores CD34, IgM, TdT e CD22 reforçou esses achados. Os blastos leucêmicos se apresentaram formando uma única população, com expressão de positividade apenas para antígenos de imaturidade. Considerando não só a presença ou ausência de um determinado antígeno, mas sim a sua intensidade de expressão, verificamos que hematogônias e blastos apresentam perfis imunofenotípicos diferentes.Hematogones are normal B-lineage cell precursors with morphologic and sometimes immunophenotypic, similarities to neoplastic lymphoblasts. The aim of this work is to compare using flow cytometry sub-populations of B-lineage cells: normal bone marrow precursors (hematogones and lymphoblasts. Normal bone marrow from patients with hematogones observed by optical microscopy and new cases of acute lymphoblastic leukemia of B-cell precursors were included in the study. Antibodies directed against CD19, CD10, CD45, CD34, IgM and CD22 were used. Analysis of hematogones, using CD10 x CD45 fluorescence intensity as a parameter, showed three sub-populations: immature, intermediary and mature marker

  11. Carambola como causa de lesão renal aguda

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Karilla Lany Scaranello

    2014-04-01

    Full Text Available A carambola pertence à família das Oxalidáceas, espécie Averrhoa carambola. É rica em sais minerais, vitaminas A, C, complexo B e ácido oxálico. Estudos recentes demonstram que a toxicidade da fruta difere entre os indivíduos e pode ser explicada pelas respostas biológicas individuais como idade, quantidade da ingestão, neurotoxinas em cada tipo de fruta. Adicionalmente, a nefrotoxicidade causada pela fruta é dose dependente, podendo levar ao desenvolvimento de lesão renal aguda pela deposição de cristais de oxalato de cálcio intratubular, assim como por lesão direta das células epiteliais tubulares, levando à apoptose das mesmas. Relatamos o caso de uma paciente que, após a ingestão do suco da fruta e fruta in natura, desenvolveu lesão renal aguda, necessitando de terapia dialítica, evoluindo com desfecho favorável e recuperação da função renal.

  12. Efeitos da suplementação aguda de aspartato de arginina na fadiga muscular em voluntários treinados Efectos de la suplementación aguda de aspartato de arginina en la fatiga muscular en voluntarios entrenados Effects of the acute arginine aspartate supplement on the muscular fatigue in trained volunteers

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ricardo Pombo Sales

    2005-12-01

    Full Text Available A atividade física influi em mecanismos específicos responsáveis pela redução da produção de força e conseqüentemente à fadiga. A preocupação em melhorar o desempenho físico tem sido propostos; observamos que estudos dão atenção para reduzir acúmulos dos metabólitos que diminuem a fadiga durante o exercício físico intenso, usando aminoácidos conhecidos por induzir mudanças metabólicas, entre eles a arginina. O presente estudo teve como objetivo estudar o efeito da suplementação aguda de aspartato de arginina em indivíduos sadios treinados submetidos a um protocolo de exaustão em um cicloergômetro. Foram utilizados 12 indivíduos treinados do sexo masculino, idade de 22,6 ± 3,5 anos. Realizaram três testes 90 minutos após a administração em dose única do aspartato de arginina ou solução placebo, em um cicloergômetro, em que incrementos de cargas foram adicionados até a exaustão. Amostras sanguíneas foram obtidas para análises bioquímicas como: creatinina, uréia, glicose e lactato. Diferenças estatísticas não foram encontradas ao comparar os valores de Freqüência Cardíaca Máxima, Tempo Máximo e Carga Máxima e também ao comparar os resultados anteriores e posteriores ao teste para uréia, creatinina e glicose. As concentrações de lactato (mmol/l apresentaram diferença estatística ao comparar os valores pré-teste (Controle: 2,2 ± 0,14; Arginina: 2,43 ± 0,23; Placebo: 2,26 ± 0,11 com valores pós-teste (Controle 10,35 ± 0,57; Arginina: 12,07 ± 0,88; Placebo: 12,2 ± 0,96, p La actividad física influencia los mecanismos específicos responsables por la reducción de la producción de fuerza y por consiguiente a la fatiga. La preocupación por mejorar la acción física se ha propuesto constantemente; nosotros hemos observamos que los estudios prestan la atención para reducir acumulaciones del metabólitos que reducen la fatiga durante el intenso ejercicio físico, mientras se usan los

  13. Effect of high-voltage pulsed current plus conventional treatment on acute ankle sprain Efeito da adição da estimulação de alta voltagem ao tratamento convencional do entorse de tornozelo numa etapa aguda

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria Cristina Sandoval

    2010-06-01

    Full Text Available BACKGROUND: The effectiveness of high-voltage pulsed current (HVPC treatments in humans as a means of controlling edema and post-traumatic pain has not yet been established. Objective: To analyze the effects of HVPC plus conventional treatment on lateral ankle sprains. METHODS: This was a randomized, controlled, double-blind clinical trial with three intervention groups: CG (control group with conventional treatment; HVPC(- group (conventional treatment plus negative polarity HVPC; HVPC(+ group (conventional treatment plus positive polarity HVPC. Twenty-eight participants with lateral ankle sprain (2 to 96h post-trauma were evaluated. Conventional treatment consisted of cryotherapy (20min plus therapeutic exercises. Additionally, the HVPC(- and HVPC(+ groups received 30min of electrical stimulation (submotor level; 120 pps. Pain, edema, range of motion (ROM and gait were assessed before the first treatment session and after the last treatment session. RESULTS: At the final evaluation, there were no significant differences between groups. Nevertheless, the HVPC(- group had greater values in all assessed parameters. The data analysis showed that the HVPC(- group had greater reductions in volume and girth, and greater recovery of ROM and gait velocity. This group also reached the end of the treatment (1.7 weeks; range 1.2-2.2 faster than the HVPC(+ group and the CG (2.2 weeks; range 1.8-2.6. CONCLUSIONS: There were no differences between the study groups, but the results suggest that HVPC(- can accelerate the initial phase of recovery from ankle sprain.CONTEXTUALIZAÇÃO: A eficácia da estimulação elétrica de alta voltagem (EEAV em humanos, como uma forma de tratamento para controlar o edema e a dor pós-traumáticos, ainda não foi estabelecida. OBJETIVO: Analisar o efeito da adição da EEAV ao tratamento convencional do pós-entorse de tornozelo em humanos. MÉTODOS: Ensaio clínico controlado e aleatorizado, duplo cego com três grupos de

  14. Análise de causalidade da relação entre sangramento e letalidade de Síndromes Coronarianas Agudas Causality analysis of the relationship between bleeding and lethality in Acute Coronary Syndromes

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luis Cláudio Lemos Correia

    2012-06-01

    Full Text Available FUNDAMENTO: Eventos hemorrágicos em Síndromes Coronarianas Agudas (SCA apresentam associação independente com óbito em registros multicêntricos internacionais. No entanto, essa associação não foi testada em nosso meio e a verdadeira relação causal entre sangramento e óbito não está plenamente demonstrada. OBJETIVO: Testar as hipóteses de que: (1 sangramento maior é preditor independente de óbito hospitalar em SCA; (2 a relação entre esses dois desfechos é causal. MÉTODOS: Incluídos pacientes com critérios pré-definidos de angina instável, infarto sem supradesnivelamento do ST ou infarto com supradesnivelamento do ST. Sangramento maior durante o internamento foi definido de acordo com os tipos 3 ou 5 da Classificação Universal de Sangramento. Regressão logística e análise da sequência de eventos foram utilizadas para avaliar a associação entre sangramento e óbito. RESULTADOS: Dentre 455 pacientes estudados, 29 desenvolveram sangramento maior (6,4%; 95%IC = 4,3-9,0%. Esses indivíduos apresentaram mortalidade hospitalar de 21%, comparados a 5,6% nos pacientes sem sangramento (RR = 4,0; 95%IC = 1,8-9,1; P = 0,001. Após ajuste para escore de propensão, sangramento maior permaneceu preditor de óbito hospitalar (OR = 3,34; 95%IC = 1,2-9,5; P = 0,02. Houve 6 óbitos dentre 29 pacientes que sangraram. No entanto, análise detalhada da sequência de eventos demonstrou relação causal em apenas um caso. CONCLUSÃO: (1 Sangramento maior é preditor independente de óbito hospitalar em SCA; (2 O papel do sangramento como marcador de risco predomina sobre seu papel de fator de risco para óbito. Essa conclusão deve ser vista como geradora de hipótese a ser confirmada por estudos de maior tamanho amostral. (Arq Bras Cardiol. 2012; [online].ahead print, PP.0-0BACKGROUND: Hemorrhagic events in Acute Coronary Syndromes (ACS have been independently associated with death in international multicenter registries. However, that

  15. Influência da resposta inflamatória de fase aguda nos níveis séricos de retinol e da proteína de ligação do retinol em pacientes com AIDS Influence of acute-phase inflammatory response on serum levels of retinol and retinol binding protein in HIV/AIDS patients

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fábio Fernandes Neves

    2010-02-01

    Full Text Available INTRODUÇÃO: a hiporretinolemia constitui fator prognóstico independente em pacientes com AIDS, e a atividade inflamatória causa redução dos níveis séricos deste nutriente na população em geral. Entretanto, faltam estudos que avaliem o impacto da atividade inflamatória sobre o nível sérico do retinol em pacientes com AIDS. MÉTODOS: foram avaliados transversalmente 41 pacientes internados por complicações da AIDS, que tiveram quantificados alguns marcadores de inflamação (proteína C reativa e fator de necrose tumoral alfa e concentrações séricas de retinol e da proteína de ligação do retinol. RESULTADOS: apesar da baixa (14,6% prevalência de hiporretinolemia evidenciou-se correlação negativa dos marcadores de inflamação com os níveis séricos de retinol e de sua proteína de ligação nos pacientes com AIDS. CONCLUSÕES: a atividade inflamatória de fase aguda está associada a baixos níveis séricos de retinol em indivíduos com AIDS.INTRODUCTION: Hyporetinolemia is an independent prognostic factor in AIDS patients. Inflammatory activity causes a reduction in the serum levels of this nutrient in the general population. However, there are no studies assessing the impact of inflammatory activity on the serum retinol level in AIDS patients. METHODS: A cross-sectional assessment was conducted on 41 patients hospitalized due to AIDS complications. Inflammatory markers (C-reactive protein and tumor necrosis factor-alpha and serum retinol and retinol binding protein concentrations were quantified. RESULTS: Despite the low (14.6% prevalence of hyporetinolemia, a significant negative correlation was observed between the inflammatory markers and the serum retinol and retinol binding protein levels in AIDS patients. CONCLUSIONS: Acute-phase inflammatory activity is associated with low serum retinol levels in individuals with AIDS.

  16. Colecistitis aguda por Streptococcus constellatus

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    M Sandra Gómez-Canosa

    2016-03-01

    Full Text Available Presentamos el caso de una paciente de edad avanzada y significativa comorbilidad que se diagnosticó de colecistitis aguda por Streptococcus constellatus. El drenaje de la vesícula biliar por colecistostomía percutánea, asociado a penicilinas, ha conseguido una evolución favorable. We report the case of a patient of advanced age and significant comorbidity diagnosed acute cholecystitis by Streptococcus constellatus. Gallbladder drainage by percutaneous cholecystostomy associated with penicillins has achieved a favorable outcome.

  17. O sofrimento espiritual do doente adulto com leucemia aguda internado

    OpenAIRE

    2010-01-01

    Tese de mestrado, Ciências da Dor, Faculdade de Medicina, Universidade de Lisboa, 2011 O presente estudo teve como objectivo saber quais os factores que influenciam o sofrimento espiritual no doente adulto (faixa etária dos 30 aos 65 anos) com leucemia aguda internado. A amostra foi de 30 doentes, 14 homens e 16 mulheres e o estudo teve a duração de 6 meses, decorrendo no Serviço de Hematologia do CHLC-EPE (Hospital de Santo António dos Capuchos). O instrumento de colheita de dados apli...

  18. Lesão pulmonar aguda induzida pela administração endovenosa de extrato da fumaça do cigarro Acute lung injury induced by the intravenous administration of cigarette smoke extract

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luciana Gomes Menezes

    2013-02-01

    Full Text Available OBJETIVO: Investigar os efeitos agudos da administração endovenosa de extrato da fumaça do cigarro (EFC em parâmetros funcionais respiratórios, inflamatórios e histológicos em ratos e comparar esse potencial modelo de lesão pulmonar aguda (LPA com aquele com o uso de ácido oleico (AO. MÉTODOS: Foram estudados 72 ratos Wistar machos divididos em quatro grupos: tratados somente com soro fisiológico (SF; grupo controle; tratados com EFC e SF (grupo EFC; tratados com SF e AO (grupo AO; e tratados com EFC e AO (grupo EFC/AO. RESULTADOS: As médias de complacência foram significantemente menores nos grupos AO e EFC/AO (2,12 ± 1,13 mL/cmH2O e 1,82 ± 0,77 mL/cmH2O, respectivamente do que no controle (3,67 ± 1,38 mL/cmH2O. A proporção de neutrófilos e a atividade das metaloproteinases 2 e 9 em lavado broncoalveolar foram significantemente maiores nos grupos AO e EFC/AO que no controle. O acometimento pulmonar avaliado por morfometria foi significantemente maior nos grupos AO e EFC/AO (72,9 ± 13,8% e 77,6 ± 18,0%, respectivamente do que nos grupos controle e EFC (8,7 ± 4,1% e 32,7 ± 13,1%, respectivamente, e esse acometimento foi significantemente maior no grupo EFC que no grupo controle. CONCLUSÕES: A administração endovenosa de EFC, nas doses e tempos deste estudo, associou-se à LPA mínima. O EFC não potencializou a LPA induzida por AO. Estudos adicionais são necessários para esclarecer o papel potencial desse modelo como método de estudo dos mecanismos de agressão pulmonar pelo tabaco.OBJECTIVE: To investigate the acute effects of intravenous administration of cigarette smoke extract (CSE on histological, inflammatory, and respiratory function parameters in rats, as well as to compare this potential acute lung injury (ALI model with that with the use of oleic acid (OA. METHODS: We studied 72 Wistar rats, divided into four groups: control (those injected intravenously with saline; CSE (those injected intravenously with

  19. Segurança do transplante autólogo, intra-arterial, de células mononucleares da medula óssea na fase aguda do acidente vascular cerebral isquêmico Intra-arterial autologous bone marrow mononuclear cell transplantation for acute ischemic stroke

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria Lúcia Furtado de Mendonça

    2006-01-01

    Full Text Available O acidente vascular cerebral (AVC é a terceira causa de óbito e a principal causa de incapacidade em indivíduos adultos. Embora a mortalidade do AVC esteja diminuindo em alguns países, a morbidade tem aumentado em razão do envelhecimento da população e do aumento da sobrevida dos pacientes¹. O tratamento com ativador do plasminogênio tissular recombinante (rt-PA é eficaz quando instituído em até 3 horas após o início dos sintomas², porém seu uso está limitado a cerca de 5% dos pacientes na fase aguda do AVC isquêmico. Além disso, nenhum agente para neuroproteção teve sua eficácia comprovada em estudos clínicos em humanos. Portanto, outras estratégias terapêuticas precisam ser desenvolvidas. Em modelos animais, o uso de células-tronco correlacionou-se com melhora funcional após o AVC³. Publicações recentes têm demonstrado a segurança do tratamento com células mononucleares da medula óssea (CMMO injetadas via intracoronária em pacientes portadores de cardiopatia isquêmica aguda ou crônica4,5. Baseado nesses dados iniciais, há crescente interesse no estudo do transplante com CMMO na fase aguda do AVC. Relatamos o primeiro caso de transplante autólogo de CMMO via intra-arterial na fase aguda do AVC isquêmico.Stroke is the third cause of death and the leading cause of disability in adult subjects. Although stroke mortality has been declining in some countries, stroke morbidity has been increasing due to the aging of population and patients improved survival.¹ Treatment with recombinant tissue plasminogen activator (rtPA is successful provided it is administered within 3 hours of symptoms onset,² but its use is limited to about 5% of the patients with acute ischemic stroke. Furthermore, no neuroprotective agent has yet been proven effective in human clinical trials. The development of other therapeutic strategies is, therefore, warranted. The use of stem cells in animal models has led to functional improvement

  20. Acute diarrhea in hospitalized children of the municipality of juiz de fora, MG, Brazil: prevalence and risk factors associated with disease severity Diarreia aguda em crianças hospitalizadas no município de Juiz de Fora, MG: prevalência e fatores de risco associados à gravidade da doença

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Monica Couto Guedes Sejanes da Rocha

    2012-12-01

    .CONTEXTO: Diarreia aguda é uma causa frequente de internação em crianças menores de 5 anos. O conhecimento da prevalência e dos fatores de risco associados à gravidade da diarreia aguda é fundamental no controle da morbimortalidade. OBJETIVO: Descrever a prevalência das características demográficas, epidemiológicas e clínicas de pacientes menores de 6 anos hospitalizados por diarreia aguda e investigar a associação entre esses determinantes e a gravidade do episódio diarreico. MÉTODO: Estudo transversal, retrospectivo, realizado no período de janeiro de 2005 a dezembro de 2008, no município de Juiz de Fora, MG. Foram avaliados 6.201 prontuários das crianças de 0 a 6 anos de idade hospitalizadas em duas instituições públicas de ensino que respondem juntas por 84% das internações no município. Diarreia aguda foi definida como presença de pelo menos três evacuações líquidas ou de consistência amolecida em 24 horas por no máximo 14 dias. Os pacientes com diarreia aguda foram divididos em dois grupos, de acordo com a gravidade do quadro e foi considerado diarreia grave o período de hospitalização maior ou igual a 4 dias. Os dados epidemiológicos e clínicos dos pacientes foram avaliados e comparados através da aplicação do teste do qui ao quadrado e do modelo de regressão logística binomial. RESULTADOS: A prevalência de internações por diarreia aguda foi de 8,4%. Os fatores que mostraram associação significativa com gravidade do episódio diarreico foram: idade inferior a 6 meses (P = 0,01, OR = 2,762; início da doença no outono (P = 0,033, OR = 1,742, presença de febre (P = 0,017, OR = 1,715 e uso de antibioticoterapia durante a internação (P = 0,000, OR = 3,872. CONCLUSÕES: Diarreia é a terceira causa de internação em crianças abaixo dos 6 anos em Juiz de Fora. Baixa idade (inferior ou igual a 6 meses, febre, uso de antibiótico na internação e início do episódio diarreico no outono são fatores de risco associados ao maior

  1. Pseudo-aneurisma em tubo valvulado de pericárdio bovino corrugado após reconstrução da aorta ascendente: relato de caso False aneurysm of crimped bovine pericardial conduit after reconstruction of the ascending aorta: case report

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Noedir A. G. STOLF

    1999-10-01

    Full Text Available Os autores descrevem o caso de paciente que, 9 anos após a correção cirúrgica de um aneurisma de aorta ascendente com tubo valvulado de pericárdio bovino corrugado, evoluiu com a formação de um pseudo-aneurisma de aorta localizado, posteriormente, sobre a linha de sutura do tubo de pericárdio bovino. Foi realizada substituição do tubo de pericárdio bovino por tubo de Dacron valvulado (com prótese mecânica e reimplante dos óstios coronários utilizando-se a técnica de hemi-Cabrol. O tempo de seguimento pós-operatório do paciente é de 12 meses, permanecendo assintomático.The authors describe the case of a patient who had an aneurysm of the ascending aorta repaired with biologic valved crimped bovine pericardial conduit. Nine years after the surgery he presented a false aneurysm of the ascending aorta, located posteriorly on the suture line of the pericardial tube. The patient was reoperated and the pericardial tube was replaced by a valved Dacron composite graft using the hemi- Cabrol technique for the reimplantation of the coronary ostia. At 12 months follow-up the patient remains free of symptoms.

  2. Abdominal aorta morphometric study for endovascular treatment of aortic aneurysms: comparison between spiral CT and angiography Estudo morfométrico da aorta abdominal para tratamento endovascular dos aneurismas aórticos: comparação entre tomografia helicoidal e angiografia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Gaudencio Espinosa

    2002-12-01

    Full Text Available PURPOSE: To compare the computed tomography and angiography study of abdominal aortic aneurysms for posterior endograft implant. METHOD: From June 1997 to March 2001, 113 patients with abdominal aortic aneurysm were submitted to study of the aorto-iliac axis with abdominal spiral computed tomography and angiography with calibrated catheter. The patient's ages ranged from 51 and 88 years (mean: 69. There were 104 males and nine females. RESULTS: When comparing the mean computed tomography and angiography diameters, we observed that there was a statistical difference for the infra-renal neck (p0.05. When comparing the mean lengths, we observed that there was a statistical difference for the aortic infra-renal neck (pOBJETIVOS: Este trabalho visa comparar a acurácia da tomografia computadorizada e da angiografia para avaliar os aneurismas de aorta abdominal (AAA para posterior implante de endoprótese vascular. MÉTODO: De junho de 1997 até março de 2001, foram atendidos 113 pacientes portadores de AAA, tendo sido submetidos a estudo por tomografia helicoidal computadorizada de abdome e pelve e angiografia com cateter centimetrado do eixo arterial aorto-ilíaco. A idade dos pacientes variou entre 51 e 88 anos (S:69a., sendo 104 do sexo masculino e nove do feminino. RESULTADOS: Quando comparadas as médias dos diâmetros aferidas pela tomografia computadorizada e pela angiografia, notou-se que a diferença do diâmetro foi significativa para o colo aórtico infra-renal (r 0,05. Quando comparadas as médias das extensões aferidas pela tomografia computadorizada e pela angiografia, notou-se que a diferença das extensões foi significativa para o colo aórtico infra-renal (r < 0,05, para a distância entre a artéria renal e a bifurcação aórtica (r < 0,05 e para as artérias ilíacas comuns (r < 0,05. A comparação entre as médias também foi significativa para a extensão entre a artéria renal e a artéria ilíaca interna (r < 0

  3. Atherosclerotic Human Aorta

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Igor A. Sobenin

    2011-01-01

    Full Text Available We have evaluated the binding of sialylated and desialylated lipoproteins to collagen isolated from the proteoglycan and musculoelastic layers of intima and media of uninvolved human aorta and atherosclerotic lesions. Comparing various collagen preparations from the uninvolved intima-media, the binding of sialylated apoB-containing lipoproteins was best to collagen from the intimal PG-rich layer. Binding of sialylated apoB-containing lipoproteins to collagen from this layer of fatty streak and fibroatheroma was 1.4- and 3.1-fold lower, respectively, in comparison with normal intima. Desialylated VLDL versus sialylated one exhibited a greater binding (1.4- to 3.0-fold to all the collagen preparations examined. Desialylated IDL and LDL showed a higher binding than sialylated ones when collagen from the intimal layers of fibroatheroma was used. Binding of desialylated HDL to collagen from the intimal PG-rich layer of normal tissue, initial lesion, and fatty streak was 1.2- to 2.0-fold higher compared with sialylated HDL.

  4. Is subdiaphragmatic aortic cross-clamping a suitable model for spinal cord ischemia/reperfusion injury study in rats? O pinçamento sub-diagragmático da aorta é um modelo adequado para o estudo da lesão medular de isquemia/reperfusão em ratos?

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Sonia Elizabeth Lopez Carrillo

    2006-08-01

    Full Text Available PURPOSE: To evaluate the efficacy of subdiaphragmatic aortic cross-clamping in an experimental model of ischemia/reperfusion injury of the spinal cord in albino rats. METHODS: Thirty-six male Wistar rats were randomized in two groups (n=18: G-1 (Sham and G-2 (Ischemia/Reperfusion, I/R. G-2 rats were submitted to 30 min subdiafragmatic aortic cross-clamping. G-1 rats served as controls and were submitted to surgical trauma (laparotomy without ischemia. Samples (spinal cord and arterial blood were collected at the end of ischemic period and 10 (T-10 and 20 (T-20 min later in G-2 rats. Sham rats (G-1 samples were collected at the same time-points. Blood and tissue metabolites concentrations of pyruvate, lactate, glucose and medullary adenosine triphosphate (ATP were assayed. RESULTS: Blood and tissue concentrations of pyruvate and glucose as well as lactate and medullary ATP were not different when comparing G1 to G2. Lactacemia was significantly elevated in G-2 compared with G-1 rats during reperfusion (T-10. CONCLUSION: Subdiaphragmatic aortic cord cross-clamping is not a suitable rat model for spinal cord ischemia/reperfusion injury study as it does not ensure changes in in vivo tissue metabolites concentrations similar to those found in tissues subjected to ischemia/reperfusion.OBJETIVO: Avaliar a eficácia do pinçamento da aorta subdiafragmática no modelo experimental de isquemia/reperfusão da medula espinhal em ratos. MÉTODOS: Trinta e seis ratos Wistar, machos, foram aleatoriamente distribuídos em 2 grupos (n=18 e submetidos ao pinçamento subdiafragmático da aorta, durante 30 minutos (Grupo-2 -Isquemia/Reperfusão. Os ratos do Grupo-1 (G-1 - Sham foram utilizados como controles e submetidos a laparotomia sem pinçamento arterial. As amostras (medula e sangue arterial foram coletadas ao término do período de isquemia (T-0 e 10 (T-10 e 20 (T-20 minutos mais tarde e nos mesmos intervalos, no grupo G-1. As concentrações teciduais e

  5. Influência do pré-condicionamento isquêmico na proteção miocárdica em revascularização do miocárdio com pinçamento intermitente da aorta Ischemic preconditioning in myocardial revascularization with intermittent aortic cross - clamping

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Paulo M. PÊGO-FERNANDES

    2001-03-01

    Full Text Available Objetivo: Este estudo testa a hipótese de que curtos períodos de isquemia podem aumentar a proteção obtida pelo pinçamento intermitente da aorta. Métodos: No grupo controle (18, a operação foi realizada com hipotermia sistêmica a 32 ºC com pinçamento intermitente da aorta e uso de circulação extracorpórea (CEC. No segundo grupo, denominado de pré-condicionamento (17, foram acrescidos dois pinçamentos de 3 minutos da aorta com intervalo de 2 minutos de reperfusão entre eles, previamente ao pinçamento intermitente da forma convencional. CK-MB, troponina I, adenosina e lactato foram obtidos do seio ocoronário no início da circulação extracorpórea (1, ao final da segunda anastomose (2 e ao final da CEC (3. Resultados: Os níveis de CK-MB e troponina I apresentaram uma leve tendência a aumentar ao final da CEC no grupo controle, enquanto os de adenosina e lactato não apresentaram diferença. Conclusão: Concluímos que o pré-condicionamento isquêmico não promoveu melhora significante na proteção miocárdica.Background: This study tests the hypothesis that initial brief periods of ischemia could improve the protection obtained by intermittent aortic cross-clamping. Methods: In the control group (18, the procedure was performed under intermittent aortic cross-clamping at 32ºC. Patients in the preconditioned group (17 received a stimulus of two 3-min periods of cross-clamping followed by 2 min of reperfusion prior to standard operation. CKMB, troponin I, adenosine and lactate were obtained from the great cardiac vein at the onset of cardiopulmonary bypass (CPB (1, at the end of the first anastomosis (2 and at the end of CPB (3. Results: CKMB and troponin I presented a slight trend to be higher at the end of CPB in the control group, while there was no difference between adenosine and lactate levels. Conclusion: Ischemic preconditioning showed no significant improvement in myocardial protection.

  6. Acute postsurgical suppurative parotitis: current prevalence at Hospital das Clínicas, São Paulo University Medical School Parotidite aguda pós-cirúgica: prevalência atual no Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Sergio Quilici Belczak

    2008-10-01

    cirurgias. Todos os prontuários que apresentaram entre os diagnósticos das altas complicações cirúrgicas, parotidite ou sialoadenite foram avaliados. Foram identificados 256 prontuários. Pacientes com outras complicações, ou que já apresentavam sialolitíase ou parotidite crônica anterior à internação foram excluídos do estudo. Foram identificados apenas três casos de parotidite aguda supurativa pós-cirúrgica, revelando incidência de 0,0028%. A parotidite supurativa pós-cirúrgica foi complicação relativamente comum de grandes cirurgias abdominais no passado, com acentuada redução atual da sua incidência decorrente da antibioticoterapia de amplo espectro, além de preparação pré-operatória adequada e suporte pós-operatório dos pacientes. Apesar da baixa incidência atual, consideramos importante identificar seus fatores de risco, assim como realizar diagnóstico precoce, conduta terapêutica apropriada para evitar complicações letais associadas a esta infecção.

  7. Comparação entre os tratamentos aberto e endovascular dos aneurismas da aorta abdominal em pacientes de alto risco cirúrgico Comparison between open and endovascular treatment of abdominal aortic aneurysms in high surgical risk patients

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Célio Teixeira Mendonça

    2005-09-01

    Full Text Available OBJETIVO: Comparar os resultados dos tratamentos aberto e endovascular de aneurismas da aorta abdominal em pacientes de alto risco cirúrgico. MÉTODOS: O tratamento aberto foi realizado em 31 pacientes, e o endovascular, em 18. Sucesso no tratamento endovascular foi definido como perviedade da endoprótese sem endoleaks ou conversão para tratamento aberto. RESULTADOS: Não houve diferença na mortalidade perioperatória entre o tratamento aberto (dois óbitos [6,45%] em 31 e o endovascular (um óbito [5,55%] em 18 (P = 0,899; também não houve diferença entre a mortalidade tardia no tratamento aberto (dois óbitos [6,9%] em 29 e no endovascular (dois óbitos [11,7%] em 17 (P = 0,572. A taxa de sucesso imediato foi de 100% (31/31 no tratamento aberto e de 66,7% (12/18 no endovascular (P = 0,0006; a taxa de sucesso tardio foi de 100% (27/27 no tratamento aberto e de 73,3% (11/15 no endovascular (P = 0,0047. Os valores médios do tempo de internação na UTI, tempo de internação hospitalar e da perda de sangue para os grupos dos tratamentos aberto e endovascular foram: 65,6 versus 34,1 horas*, 9 versus 5,6 dias* e 932 versus 225 ml*, respectivamente (*P OBJECTIVE: To compare the results of open repair and endoluminal repair of abdominal aortic aneurysms in high surgical risk patients. METHODS: Open repair was performed in 31 patients, and endoluminal repair was performed in 18. Success in the endoluminal repair group was defined as continuing graft function without endoleak or conversion to open repair. RESULTS: No significant difference was found between the perioperative mortality rate for open repair (two deaths [6.45%] in 31 patients and endoluminal repair (one death [5.55%] in 18 patients (P = 0.899; similarly, no significant difference was seen in late mortality between open repair (two deaths [6.9%] in 29 patients and endoluminal repair (two deaths [11.7%] in 17 patients (P = 0.572; The rate of immediate success was 100% (31/31 for

  8. Cerebelite aguda causada por vírus Epstein-Barr: relato de caso

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Teive Hélio A.G.

    2001-01-01

    Full Text Available A cerebelite aguda pode ocorrer em associação a infecção pelo vírus da varicela-zoster, enterovirus, caxumba, micoplasma e outros agentes infecciosos. A cerebelite aguda é uma complicação rara da infecção pelo vírus Epstein-Barr (EBV. Relatamos o caso de uma mulher de 21 anos com história de 12 dias de evolução com náuseas, vômitos, ataxia de marcha e membros, tremor cefálico e de membros, opsoclono, mioclonias e rash cutâneo. Sorologia para EBV foi positiva. A infecção pelo EBV, com complicações neurológicas, pode não se apresentar com os sinais e sintomas clássicos da mononucleose infeciosa.

  9. Insuficiência renal aguda no Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Botucatu - UNESP: descrição da população e análise dos fatores de risco associados a mortalidade

    OpenAIRE

    Galvão, Siha Fernandez Valente [UNESP

    2007-01-01

    A Insuficiência Renal Aguda apresenta uma alta incidência em pacientes internados em hospitais terciários, principalmente em Unidades de Terapia Intensiva, estando associada a elevada mortalidade. Este trabalho tem como objetivos descrever a população de pacientes internados no Hospital das Clínicas de Faculdade de Medicina de Botucatu - UNESP com diagnóstico de Insuficiência Renal Aguda atendidos pelo Grupo de Interconsultas do Serviço de Nefrologia e avaliar os fatores de risco associados a...

  10. Aorta após endoprótese para aneurisma micótico

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ufuk Alpagut

    2011-10-01

    Full Text Available Endopróteses vasculares são atualmente utilizadas no tratamento de diferentes patologias da aorta. Podem salvar a vida de pacientes com comorbidades e virtualmente inoperáveis quando da utilização de técnicas convencionais. Esse manuscrito relata o caso de um paciente de 40 anos, que havia sido previamente tratado de um aneurisma micótico sacular no arco aórtico e que apresentou ruptura da aorta descendente no seguimento de médio prazo. O tratamento da ruptura da aorta descendente também foi realizado através de medidas endovasculares, com sucesso.

  11. l acceso al saneamiento básico y la hospitalización por enfermedad diarreica aguda: un estudio de vulnerabilidad de los niños Access to basic sanitation and hospitalization for acute diarrheal disease: a study of child vulnerability Acesso ao saneamento básico e a internação por doença diarreica aguda: um estudo da vulnerabilidade infantil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Samuel Alves de Oliveira

    2013-06-01

    , including the global data for Brazil (SIR = 3.17, 95 % CI 2.95 to 3.42. Conclusions: Improved knowledge and information about children and their windows of susceptibility to environmental agents will help to identify susceptible subgroups and ages, as well as to plan specific preventive measures.Objetivo: Avaliar a vulnerabilidade diferenciada de crianças às condições ambientais de saneamento.Métodos: Foi realizado um estudo ecológico a partir da tendência das taxas de internação por doença diarreica aguda (DDA e da cobertura populacional da rede de esgotos sanitários no Brasil, por estados brasileiros, e estratificado por faixa etária. Foi utilizado o modelo de regressão polinomial para avaliar as tendências.Resultados: Ao utilizar dados de cobertura de saneamento e taxa de internação por DDA, observa-se que há a correlação inversamente proporcional entre ambos, tendo a correlação para crianças maior magnitude e significância estatística (adultos: r=-0,259, p=0,184; crianças: r=-0,406, p=0,032. Observou-se uma associação estatisticamente significativa para a internação por DDA entre crianças, inclusive a medida global brasileira (SIR=3,17, IC 95 % 2,95 – 3,42.Conclusão: O aumento dos conhecimentos e informações sobre crianças e suas janelas de susceptibilidade aos agentes ambientais irão ajudar a identificar subgrupos e idades sensíveis para planear ações preventivas específicas.

  12. Transplante alogênico de células-tronco hematopoéticas em leucemias agudas: a experiência de dez anos do Hospital das Clínicas da UFMG Allogeneic hematopoietic stem cells transplantation in acute leukemia: ten years of experience in the Hospital das Clínicas - UFMG

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rosana M. Lamego

    2010-01-01

    Full Text Available As leucemias agudas são doenças com alta morbimortalidade para as quais o transplante alogênico de medula óssea é uma opção terapêutica eficaz. Neste artigo, relatamos a experiência de um centro brasileiro com pacientes apresentando leucemia aguda que receberam um enxerto de medula óssea ou células-tronco periféricas de um doador familiar HLA idêntico no período de julho de 1995 a dezembro de 2005. Foi realizado um estudo de coorte retrospectivo, analisando dados de 125 pacientes com mediana de idade de 28,7 anos. Oitenta e um pacientes (64,8% apresentavam leucemia mieloide aguda; 38 (30,4%, leucemia linfoide aguda; e seis (4,8%, leucemia bifenotípica. Trinta e dois pacientes encontravam-se em primeira remissão completa, 23 em segunda remissão e 70 com doença avançada (refratários, recidivados ou além da segunda remissão. A sobrevida global estimada em 10 anos foi de 22,9%. Em relação à situação clínica do paciente no momento do transplante, a sobrevida global em dez anos foi de 56,3% para pacientes em primeira remissão, 38% para os pacientes em segunda remissão, e 3,7% para os pacientes com doença avançada. Considerando-se os pacientes transplantados em primeira e segunda remissão, a evolução foi semelhante aos dados disponíveis na literatura. Entretanto, os resultados dos pacientes transplantados em fase avançada foram ruins, devendo-se discutir o papel do transplante para este grupo.Acute leukemias are a group of diseases with high morbimortality. Allogeneic bone marrow transplantation is an efficacious therapeutic option for their treatment. We report the experience of a Brazilian center in respect to acute leukemia patients who received a bone marrow or peripheral blood allograft from a HLA-matched sibling from July 1995 to December 2005. Data were retrospectively collected. The median age of the 125 patients included in the study was 28.7 years. Eighty-one patients presented with acute myeloid leukemia

  13. Factors predictors de dilatació de l'aorta toràcica dissecada mitjançant la tomografia computada

    OpenAIRE

    Cuéllar i Calàbria, Hug

    2016-01-01

    La dissecció aòrtica s'associa a una mortalitat i morbilitat elevades. Tot i que les complicacions produïdes durant la fase aguda condicionen l'evolució a mitjà termini en certs pacients, la majoria de casos presenten una evolució clínica acceptable durant els primers tres anys. Diverses tècniques d'imatge són capaces de mostrar la permeabilitat de la llum falsa a l'aorta toràcica descendent en el 80% de les disseccions tipus A tractades amb cirurgia d'aorta ascendent i el 90% de les dissecci...

  14. Fatores prognósticos da revascularização na fase aguda do infarto agudo do miocárdio Prognostic factors of myocardial revascularization in acute myocardial infaction

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fabio B. JATENE

    2001-09-01

    Full Text Available OBJETIVO: Determinar os fatores preditores de má evolução nos pacientes submetidos a revascularização do miocárdio (RM na fase aguda do infarto do miocárdio (IAM. CASUÍSTICA E MÉTODOS: No período de março de 1998 a novembro de 1999, 49 pacientes foram submetidos a RM na fase aguda do IAM. Foram excluídos pacientes portadores de complicações mecânicas do IAM e submetidos a procedimentos associados a RM. Os pacientes foram divididos em: Grupo I - 29 casos que não apresentaram complicações decorrentes do IAM e Grupo II - 20 casos com uma ou mais complicações. As complicações consideradas foram: isquemia recorrente (18 pacientes, insuficiência cardíaca congestiva (11, choque cardiogênico (9, hipotensão (7, reinfarto (4, taquicardia ventricular sustentada (4 e fibrilação ventricular (3. Os grupos foram considerados comparáveis em relação às características pré-operatórias, exceto pela idade mais avançada no grupo II. No intuito de identificar os fatores determinantes de pior prognóstico pós-operatório, foram correlacionadas e analisadas as características dos pacientes e as complicações do IAM, estudados pelo teste de variância e análise multivariada. RESULTADOS: A mortalidade global foi de 6,12% (3 pacientes, sendo somente no grupo II. A análise multivariada identificou como fatores preditores de mortalidade hospitalar a hipotensão arterial (p=0,045, o choque cardiogênico (p=0,001 e a fibrilação ventricular (p=0,012. CONCLUSÕES: A RM na fase aguda do IAM é um procedimento seguro em pacientes sem complicações, sem mortalidade operatória. A presença de complicações pré-operatórias como choque cardiogênico, fibrilação ventricular e hipotensão são considerados fatores de mau prognóstico nesta condição.OBJECTIVES: To determine the predictors of bad evolution in patients submitted to myocardial revascularization (MR in the acute myocardial infarction (AMI. MATERIAL E METHODS: Between March

  15. Prevalência e influência da hiperglicemia de estresse no prognóstico em uma coorte de pacientes com síndrome coronariana aguda Influence on prognosis and prevalence of stress hyperglycemia in a cohort of patients with acute coronary syndrome

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Renata de Faria Modenesi

    2012-12-01

    Full Text Available OBJETIVO: Demonstrar a prevalência da hiperglicemia de estresse em coorte de pacientes com síndrome coronariana aguda e a correlação com óbito, insuficiência cardíaca e/ou disfunção ventricular esquerda sistólica, na fase intra-hospitalar. MÉTODOS: Estudo de coorte prospectiva inicial constituída por pacientes internados com síndrome coronariana aguda, com ou sem supradesnivelamento do segmento ST. Foram comparados os grupos para demonstrar a correlação entre hiperglicemia de estresse e eventos cardiovasculares. Na comparação entre os grupos com e sem hiperglicemia de estresse, foram usados o teste do qui-quadrado ou exato de Fisher, e o teste t de student. As variáveis com valor de pOBJECTIVE: To demonstrate the prevalence of stress hyperglycemia in a cohort of patients with acute coronary syndrome and to determine the correlation of stress hyperglycemia with death, heart failure and/or left ventricular systolic dysfunction during the intrahospital phase. METHODS: A prospective initial cohort study of hospitalized patients with acute coronary syndrome with or without ST segment elevation. The groups were compared to demonstrate the correlation between stress hyperglycemia and cardiovascular events. The chi-square test or Fisher's exact test and student's t-test were used to compare the groups with and without stress hyperglycemia. The variables with p<0.20 in the univariate analysis were submitted to logistic regression. RESULTS: In total, 363 patients with an average age of 12.45 ± 62.06 were studied. There was a predominance of males (64.2%. In total, 96 patients (26.4% presented with stress hyperglycemia. There were no differences between the groups with or without stress hyperglycemia. The area under the ROC curve was 0.67 for the relationship between stress hyperglycemia and the composite outcome heart failure, left ventricular systolic dysfunction or death at the end of the hospital admission. The ROC curve proved that

  16. Avaliação da toxicidade aguda e potencial neurotóxico do óleo-resina de copaíba (Copaifera reticulata Ducke, Fabaceae Assessment of the neurotoxic potential and acute toxicity of copaiba

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Camile Giaretta Sachetti

    2009-12-01

    Full Text Available O óleo-resina de copaíba obtido do gênero Copaifera L., Fabaceae, é largamente utilizado na medicina popular como antiinflamatório, antimicrobiano e antitumoral. Porém, informações sobre seu potencial tóxico são escassos na literatura. O objetivo deste estudo foi estabelecer a toxicidade oral aguda e os possíveis efeitos neurotóxicos relacionados à ingestão do óleo-resina de Copaifera reticulata Ducke, Fabaceae, em ratas Wistar. O estudo foi conduzido com quinze ratas nulíparas distribuídas nos grupos de doses 300 e 2000 mg/kg pc de óleo-resina administrado por gavagem. Os resultados obtidos mostraram que nestas doses não houve sinais clínicos de toxicidade ou neurotoxicidade, alteração no consumo de ração ou alteração no peso corpóreo. A dose letal aguda foi estimada como maior que 2000 mg/kg pc e classificada como categoria 5, segundo o Guia OECD 423. Estes resultados indicam que existe uma relativa margem de segurança para o uso do óleo-resina de copaíba como agente terapêutico, embora estudos toxicológicos adicionais sejam ainda necessários, principalmente com a administração repetida de baixas doses.Copaiba oil-resin obtained from Copaifera L. genus, Fabaceae, is largely used in popular medicine as antinflammatory, antimicrobial and antitumoral. Information concerning the potential toxicity of this oil is limited in the literature. The goal of this study was to investigate the acute toxicity and the possible neurotoxic effects related to the ingestion of Copaifera reticulata Ducke, Fabaceae, oil-resin using female Wistar rats. Fifteen nulliparous rats were used and distributed in the experimental groups orally exposed to doses of 300 e 2000 mg/kg bw of oil-resin (gavage. No overt clinical signs of toxicity or neurotoxicity, alteration of food consumption or body weight were observed in the animals at the tested doses. The lethal oral toxicity was estimated to be higher than 2000 mg/kg bw, classified as

  17. AUMENTO DA EXPRESSÃO DE ?-CATENINA E CADERINA NO CORAÇÃO DE CAMUNDONGOS NA FASE AGUDA E CRÔNICA DA INFECÇÃO EXPERIMENTAL POR Trypanosoma cruzi UPREGULATION OF ?-CATENIN AND CADHERIN EXPRESSION IN HEARTS OF MICE IN ACUTE AND CHRONIC PHASE OF EXPERIMENTAL Trypanosoma cruzi infection

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Tatyane Penha Sales

    2008-12-01

    Full Text Available As proteínas das junções de aderência têm sido associadas ao mecanismo patológico da miocardiopatia chagásica. Objetivando determinar a natureza dessas alterações, infectaram-se dez camundongos machos Swiss Webster com 25 dias de idade por via intraperitoneal com uma cepa tipo III de Trypanosoma cruzi na dose de 1,0 x 104 tripomastigotas/camundongo. Cinco camundongos infectados foram sacrificados no 14° dia (pico de parasitemia de infecção (grupo A e outros cinco camundongos (grupo C três meses após a inoculação, representando a fase crônica da infecção. Inocularam-se dez animais com solução estéril de cloreto de sódio 0,9%, sendo sacrificados no 14° dia (grupo CA e cinco ao final do terceiro mês (grupo CC, para servirem como controles não-infectados. As junções de aderência foram analisadas a partir do lisado total dos corações submetido a western blotting para pan-caderina e β-catenina. A análise do western blotting revelou aumento da expressão de pan-caderina na fase aguda (2,1x ± 0,89, p= 0,048 e crônica (2,1x ± 0,92, p= 0,05 quando comparadas com seus respectivos controles. Em relação à β-catenin, os resultados mostraram o mesmo padrão caracterizado pelo aumento de seus níveis na fase aguda (6,8x ± 4,65, p= 0,047 e crônica (3,65x ± 1,93, p= 0,033 em comparação aos controles. Assim, estes resultados indicam a associação das proteínas de junção de aderência aos eventos patológicos em corações de camundongos infectados por T. cruzi.

    PALAVRAS-CHAVES: Doença de Chagas, junções de aderência, miocardite, western blotting.
    Adherens junctions proteins have also been envolved in pathological mechanism of chagasic myocardiopathy. Aimed to determine the nature of these alterations, ten Swiss Webster male mice, 25 days-old were infected with a Type III strain of Trypanosoma cruzi through intraperitoneal (IP route with 1.0 x 104 trypomastigotes/mouse. Five infected mice were

  18. Ventilação oscilatória de alta frequência em crianças com síndrome da angústia respiratória aguda: experiência de um centro de tratamento intensivo pediátrico

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Anelise Dentzien Pinzon

    2013-08-01

    Full Text Available OBJETIVO: Descrever os efeitos da aplicação da ventilação de alta frequência oscilatória como suporte ventilatório de resgate em uma série de pacientes pediátricos com síndrome da angústia respiratória aguda (SARA. MÉTODOS: Participaram do estudo 25 crianças(> 1mês e < 17 anos internadas em uma UTI pediátrica universitária com SARA e submetidas à ventilação de alta frequência oscilatória (VAFO por um mínimo de 48 horas, após falha da ventilação mecânica convencional. RESULTADOS: A taxa de mortalidade foi de 52% (13/25 28 dias após o início da SARA. Ao longo de 48 horas, a aplicação da VAFO reduziu o índice de oxigenação [38 (31-50 vs. 17 (10-27] e aumentou a relação pressão arterial parcial de O2/fração inspirada de O2 [65 (44-80 vs. 152 (106-213]. A pressão arterial parcial de CO2 [54 (45-74 vs. 48 (39-58 mmHg] manteve-se inalterada. A pressão média de vias aéreas oscilou entre 23 e 29 cmH2O. A VAFO não comprometeu a hemodinâmica e observou-se uma redução da frequência cardíaca (141 ± 32 vs. 119 ± 22 bat/min, a pressão arterial média (66 ± 20 vs. 71 ± 17 mmHg e o escore inotrópico [44 (17-130 vs. 20 (16-75] mantiveram-se estáveis nesse período. Nenhum sobrevivente ficou dependente de oxigênio. CONCLUSÃO: VAFO melhora a oxigenação de pacientes pediátricos com SARA grave e hipoxemia refratária ao suporte ventilatório convencional.

  19. Conhecimentos e práticas de trabalhadoras de creches municipais relativos ao cuidado da criança com infecção respiratória aguda

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Juliana Martins

    2006-12-01

    Full Text Available Este trabalho identificou conhecimentos e práticas de trabalhadoras de creches relativos à prevenção, detecção precoce e manejo das infecções respiratórias agudas na infância, dada sua magnitude nesses locais. Após análise temática de conteúdo, os dados obtidos em entrevistas semi-estruturadas, com 14 auxiliares de desenvolvimento infantil e dois auxiliares de enfermagem de duas creches públicas, foram categorizados e quantificados. Bronquite foi o agravo mais lembrado, assim como febre, tosse e cansaço foram os sinais de doença mais referidos; os sinais de gravidade foram pouco citados; houve referência de associação das doenças ao descuido materno; muitas trabalhadoras referem desconhecer intervenções para diminuir a ocorrência desses agravos. Parte das trabalhadoras relatou ações apropriadas para o cuidado infantil, a maioria fundamenta suas ações no senso comum e desconhece cuidados específicos. A melhoria de conhecimentos pode favorecer a sistematização do cuidado, como preconizado no modelo das Escolas Promotoras de Saúde.

  20. Coarctation of the Aorta (For Teens)

    Science.gov (United States)

    ... Loss Surgery? A Week of Healthy Breakfasts Shyness Coarctation of the Aorta KidsHealth > For Teens > Coarctation of ... of Yourself en español Estrechamiento aórtico What Is Coarctation of the Aorta? The aorta (pronounced: ay-OR- ...

  1. Insuficiência respiratória aguda como manifestação da síndrome de eosinofilia-mialgia associada à ingestão de L-triptofano Acute respiratory failure as a manifestation of eosinophilia-myalgia syndrome associated with L-tryptophan intake

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Tiago de Araujo Guerra Grangeia

    2007-12-01

    Full Text Available A síndrome da eosinofilia-mialgia foi descrita em 1989 em pacientes que apresentavam mialgia progressiva e incapacitante e eosinofilia sérica, nos líquidos e secreções. A maioria dos pacientes relatava uso prévio de L-triptofano. Sintomas respiratórios são relatados em até 80% dos casos, eventualmente como manifestação única. O tratamento inclui suspensão da droga e corticoterapia. Relatamos o caso de uma mulher de 61 anos com insuficiência respiratória aguda após uso de L-triptofano, hidroxitriptofano e outras drogas. A paciente apresentava eosinofilia no sangue, lavado broncoalveolar e derrame pleural. Após a suspensão da medicação e corticoterapia, houve melhora clínica e radiológica em poucos dias.Eosinophilia-myalgia syndrome was described in 1989 in patients who presented progressive and incapacitating myalgia and eosinophilia in blood, fluids and secretions. Most patients report previous L-tryptophan intake. Respiratory manifestations are found in up to 80% of the cases, occasionally as the only manifestation. Treatment includes drug discontinuation and administration of corticosteroids. Here, we describe the case of a 61-year-old female admitted with acute respiratory failure after using L-tryptophan, hydroxytryptophan and other drugs. The patient presented eosinophilia, together with elevated eosinophil counts in the bronchoalveolar lavage and pleural effusion. After discontinuation of the drugs previously used, corticosteroids were administered, resulting in clinical and radiological improvement within just a few days.

  2. Microcristais biliares na pancreatite aguda idiopática: indício para etiologia biliar oculta subjacente

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    CHEBLI Júlio Maria Fonseca

    2000-01-01

    Full Text Available As principais causas de inflamação pancreática no mundo são a litíase biliar e o alcoolismo crônico. Admite-se que 10 a 30% das pancreatites agudas sejam idiopáticas. Sugere-se que parte destas são causadas por microlitíase ou barro biliar, identificados pela presença de microcristais no sedimento biliar. Neste estudo, realizou-se análise microscópica da bile obtida por colangiopancreatografia endoscópica, em pacientes com pancreatite aguda idiopática, pancreatite aguda biliar e pancreatite crônica alcoólica - 20 em cada grupo. Pacientes com pancreatite aguda idiopática e microcristais na bile foram submetidos a colecistectomia. Naqueles inaptos à cirurgia efetuou-se esfincterotomia endoscópica ou tratamento com ácido ursodesoxicólico. Pacientes com pancreatite aguda idiopática sem cristais não receberam tratamento específico. A prevalência de microcristais biliares em pacientes com pancreatite aguda idiopática (75% e pancreatite aguda biliar (90% foi significativamente maior que naqueles com pancreatite crônica alcoólica (15%. A detecção de microcristais apresentou sensibilidade de 90%, especificidade de 85%, valor preditivo positivo de 85,7%, valor preditivo negativo de 89,4% e acurácia de 87,5% em identificar pancreatite de origem biliar. Nos pacientes com pancreatite aguda idiopática recurrente, cursando com microcristais, houve redução significante dos episódios de pancreatite após tratamento específico. No seguimento deste grupo durante 23,3 meses, recidiva ocorreu apenas naqueles que apresentavam "fator biliar persistente" (coledocolitíase ou microcristais. Todos os pacientes com pancreatite aguda idiopática submetidos a colecistectomia apresentavam colecistite crônica, e microlitíase foi observada em um paciente. No seguimento ultra-sonográfico, colelitíase foi detectada em um dos casos. No subgrupo de cinco pacientes com pancreatite aguda idiopática sem microcristais houve uma recidiva. Estudo

  3. Citogenetica nas leucemias linfoides agudas /

    OpenAIRE

    Lichtvan, Leniza Costa Lima

    2007-01-01

    Orientador: Profª Drª Mara Albonei Dudeque Pianovski Dissertação (mestrado) - Universidade Federal do Paraná, Setor de Ciências da Saúde, Programa de Pós-Graduação em Saúde da Criança e do Adolescente. Defesa: Curitiba, 2007 Inclui bibliografia

  4. Uso do sulfato de magnésio por via venosa e nebulização para o tratamento da asma aguda na emergência Use of the intravenous and nebulized magnesium sulfate for the treatment of the acute asthma in the emergence

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fabiano Timbó Barbosa

    2007-09-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: Tem sido mostrado que o sulfato de magnésio apresenta benefícios em adultos e crianças asmáticos, com fraca resposta aos agentes beta-agonistas e corticóides sistêmicos no departamento de emergência. O objetivo deste estudo foi realizar uma revisão não sistemática acerca do tratamento da asma aguda com sulfato de magnésio por via venosa e nebulização na emergência. CONTEÚDO: As primeiras investigações que demonstraram benefício no uso do sulfato de magnésio na asma são de 1938. Os efeitos do sulfato de magnésio podem ser mediados através da ação antagonista do cálcio ou através da função de co-fator em sistemas enzimáticos envolvendo o fluxo iônico através da membrana celular. Foi realizada uma revisão de literatura através da base de dados MedLine nos últimos seis anos (2000 a 2006 e incluídos os artigos publicados na língua inglesa, através do cruzamento dos unitermos asma e sulfato de magnésio. CONCLUSÕES: A administração de rotina do sulfato de magnésio por via venosa e nebulização em pacientes com asma aguda grave que se apresentam no serviço de emergência não é recomendado; entretanto, como um tratamento adjuvante obtém-se algum benefício.BACKGROUND AND OBJECTIVES: Magnesium sulfate has been shown to benefit asthmatic children and adults with poor responses to initial beta-agonist therapy and systemic corticoids in the emergency department. The aim of this study was to realize a no systematic review about the treatment of the acute asthma with intravenous and nebulized magnesium sulfate in the emergence. CONTENTS: The first investigations that demonstrate the benefit in the use of the magnesium sulfate in asthma date to 1938. The effects of magnesium sulfate may be mediated through its action as a calcium antagonist or through its function as a cofactor in enzyme systems involving ion flux across cell membranes. We realized a literature review using Med

  5. The epidemiology of acute viral gastroenteritis in hospitalized children in Cordoba city, Argentina: an insight of disease burden Epidemiologia da gastrenterite viral aguda em crianças hospitalizadas na cidade de Córdoba, Argentina: uma percepção ao impacto da doença

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Miguel O. GIORDANO

    2001-08-01

    Full Text Available Information concerning the disease burden of viral gastroenteritis has important implications for the use and monitoring the impact of public health policies. The present study, carried out in Córdoba city, Argentina, documents the epidemiology of severe viral diarrhea as well as the burden of viral gastrointestinal disease in the hospital children admission. A total of 133 stools were collected from hospitalized children (Town Childhood Hospital suffering from acute diarrhea and studied for the presence of Group A rotavirus, astrovirus and adenovirus 40/41 by enzyme-immuno assay, between November 1997 and October 1998. Enteric viruses accounted for 42.1% of the total diarrheal cases analyzed. Group A rotaviruses, astroviruses, adenoviruses 40/41 and mixed infections were found in 35.3, 4.5, 1.5, and 0.8% studied specimens respectively. We estimated that 1 in 27 children in the 0-35 month-old cohort/range would be annually hospitalized for a viral gastroenteritis illness. The major impact on viral diarrhea lies on rotaviral infection, accouting for 84.0% of the viral diarrheal cases analyzed and for approximately one third of severe diarrheas requiring hospital admission in Córdoba City, Argentina.Dados a respeito do impacto das gastrenterites virais têm implicações importantes para o monitoraramento do impacto das políticas de saúde pública. O presente estudo, feito na cidade de Córdoba, Argentina, documenta a epidemiologia da diarréia viral severa como também o impacto que a mesma representa na admissão hospitalar de crianças. Pesquisou-se a presença de Rotavírus grupo A, Astrovírus e Adenovírus 40/41 por ensaio imuno-enzimático em 133 amostras de fezes obtidas durante o período de novembro de 1997 a outubro de 1998, de crianças hospitalizadas por diarréia aguda. Os virus entéricos constituíram 42,1% do total de casos de diarréia analisados. Encontraram-se Rotavírus Grupo A, Astrovírus, Adenovírus 40/41 e infec

  6. Impacto da nutrição enteral na toxicidade aguda e na continuidade do tratamento dos pacientes com tumores de cabeça e pescoço submetidos a radioterapia com intensidade modulada

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Liêvin Matos Rebouças

    2011-02-01

    Full Text Available OBJETIVO: Analisar o impacto da terapia nutricional enteral na manutenção do peso corpóreo e na necessidade de replanejamento e/ou interrupção da radioterapia em pacientes com câncer de cabeça e pescoço submetidos a radioterapia de intensidade modulada (IMRT. MATERIAIS E MÉTODOS: Foram analisados, retrospectivamente, os pacientes submetidos a IMRT entre janeiro de 2005 e outubro de 2008, com a inclusão de 83 casos. RESULTADOS: A idade mediana foi de 58,6 anos. Em apenas em cinco pacientes (6% houve interrupção do tratamento, que variou de 4 a 18 dias, e em 19 casos (23% houve necessidade de replanejamento. A terapia nutricional enteral foi instituída antes do início da radioterapia em 16 pacientes (19%. Perda de peso > 5% ocorreu em 58 casos (70%, sendo mais prevalente no grupo de pacientes em que a terapia nutricional enteral não foi instituída pré-radioterapia. Na comparação entre os grupos não houve diferença significativa na realização de replanejamento (25% versus 21%; p = 0,741 ou na ocorrência e duração da interrupção da radioterapia. CONCLUSÃO: A terapia nutricional enteral tem um claro ganho na manutenção do peso corporal, porém, não houve um benefício na realização da gastrostomia percutânea endoscópica ou da sonda nasoenteral em relação à interrupção e ao replanejamento da radioterapia.

  7. Mucocele apendicular y colecistitis aguda gangrenada

    OpenAIRE

    Mauricio de la Fuente-Lira; Erick Rolando Rocha-Guevara; María Luisa Márquez-Rocha; Carlos Salazar-Lozano; Omar Jaramillo-Solís; Alma Lilia Ortiz-Maldonado

    2006-01-01

    Objetivo: descripción de un caso de mucocele apendicular y colecistitis aguda gangrenada, atendido en el Hospital de Especialidades, Centro Médico Nacional Siglo XXI, IMSS. Caso clínico: hombre de 80 años de edad que ingresó al hospital con diagnóstico de colecistitis aguda y tumor abdominal de etiología desconocida, dolor abdominal de 10 días de evolución localizado en hipocondrio derecho, sin fiebre ni pérdida importante de peso. Los exámenes de laboratorio mostraron únicamente leucocitosis...

  8. Consumption of red-hot chili pepper increases symptoms in patients with acute anal fissures. A prospective, randomized, placebo-controlled, double blind, crossover trial Efeito da pimenta vermelha nos sintomas de pacientes com fissuras anais agudas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Pravin J. Gupta

    2008-06-01

    Full Text Available BACKGROUND: Red-hot chili pepper and other spices have been blamed for causing or exacerbating symptoms of anal pathologies like anal fissure and hemorrhoids. AIM: To determine if consumption of chilies increases symptoms of acute anal fissures. METHODS: Individual patients were randomized to receive capsules containing chili or placebo for one week in addition to analgesics and fiber supplement. Patients were asked to note score for symptoms like pain, anal burning, and pruritus during the study period. After 1 week, cross over treatment was administered to the same group of patients with the same methodology and results were noted at the end of 2 weeks. RESULTS: Fifty subjects were recruited for this study. Forty three of them completed the trial (22 in the chili group and 21 in the placebo group. The daily mean pain score was significantly lower in the placebo group in the study period. Score 2.05 in chili group and 0.97 in placebo group. There was a significant burning sensation experienced by the patients in the chili group (score 1.85 for the chili group vs 0.71 for the placebo group. Patient’s mean recorded improvement score was significantly higher after taking placebo. Eighty one point three percent patients preferred placebo while 13.9% preferred chilies. Two patients had no preference. CONCLUSION: Consumption of chili does increase the symptoms of acute anal fissure and reduces patient compliance.RACIONAL: A pimenta vermelha e outras especiarias têm sido responsabilizadas por agravar a sintomatologia das doenças anais, tais como fissuras e hemorróidas. OBJETIVO: Determinar se o consumo de pimentas vermelhas aumentaria os sintomas em fissuras anais agudas. MÉTODOS: Pacientes foram recrutados e randomizados para receber cápsulas contendo pimenta ou placebos por 1 semana, somadas a analgésicos e suplementos de fibras. Foi solicitado que anotassem um escore de sintomas, tais como dor, queimação anal, prurido durante o per

  9. Osteomielite hematogênica aguda em Pediatria: análise de casos atendidos em hospital universitário

    OpenAIRE

    Puccini, Pedro Fiorini; Maria Aparecida G. Ferrarini; Iazzetti, Antônio Vladir [UNIFESP

    2012-01-01

    OBJETIVO: Descrever a ocorrência, a evolução e o desfecho de pacientes com osteomielite hematogênica aguda na faixa etária pediátrica. MÉTODOS: Estudo descritivo de 21 casos de pacientes de zero a 14 anos com diagnóstico de osteomielite hematogênica aguda, em acompanhamento no Ambulatório de Infectologia Pediátrica da Escola Paulista de Medicina entre 2005 e 2009. A coleta de dados ocorreu pelo levantamento de prontuários. Realizaram-se a análise descritiva e o teste de correlação de Spearman...

  10. Masculino de 18 años con Leucemia Linfocitica aguda y Artritis de Rodilla por Candida Tropicalis

    OpenAIRE

    Sánchez Benavides, Marvin; Bonilla Trejos, Eduardo

    2013-01-01

    Paciente masculino de 18 años, con antecedente dede Leucemia Linfoblástica Aguda B común desde hace 8 meses, quien abandonó su control y tratamiento. Consultó por cuadro hemorrágico agudo, asociado a sensación febril no cuantificada. Se documentó bicitopenia con neutropenia absoluta, motivo por el que ingresó al Servicio de Hematología, donde se consignó leucemia aguda en recaída y se inició nuevo esquema quimioterapéutico. Durante el internamiento inició con gonalgia izquierda súbita, asocia...

  11. Transformações da "aids aguda" para a "aids crônica": percepção corporal e intervenções cirúrgicas entre pessoas vivendo com HIV e aids From "acute AIDS" to "chronic AIDS": body perception and surgical interventions in people living with HIV and AIDS

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Tatianna Meireles Dantas de Alencar

    2008-12-01

    Full Text Available Após dez anos de uso da terapia anti-retroviral de alta potência, um novo problema surge: a síndrome lipodistrófica do HIV, uma distribuição irregular de gordura no corpo, decorrente do uso das medicações anti-retrovirais. Se no início da epidemia, a aids era caracterizada, sobretudo, pela magreza, hoje - tempos de "aids crônica"- estamos, uma vez mais, diante do estigma sobre o corpo, só que, paradoxalmente, com sinal trocado - o acúmulo "desordenado" de gordura no corpo. Este artigo apresenta e compara as mudanças corporais percebidas por pessoas que vivem com HIV e aids, ocorridas nos últimos anos da epidemia, com a utilização dos anti-retrovirais. Foram analisadas 32 entrevistas qualitativas com pessoas vivendo com HIV e aids, realizadas nos anos de 1999 e 2005. Ao nos depararmos com as novas questões emergentes e analisarmos sua interação com a crescente disponibilidade e utilização de tecnologias, fica a forte sensação de ressurgimento, sob nova forma, dos mesmos paradoxos previamente existentes nos tempos da aids aguda: o impacto dos sinais e um certo tipo de ressurgimento da desesperança quanto ao futuro de vida dessas pessoas.The Brazilian government has been providing free and universal access to the HAART therapy for people living with HIV and AIDS for ten years. Since then, many epidemiological characteristics have changed, and AIDS passed scientifically and medically to be classified as a chronic condition. This qualitative study aims to comprehend the challenges posed by self-perception of body changes experienced by people living with AIDS during recent years, as a result of prolonged use of antiretroviral medication.With this purpose, in 1999 and 2005, 32 semi-structured interviews with HIV positive individuals were held in the State of Sao Paulo to capture the challenges occurred during this period, in particular with regard to the lipodystrophy syndrome. The analysis of the data indicates that even with

  12. Pode a amamentação promover alívio da dor aguda em recém-nascidos? La lactancia puede promover alívio del dolor agudo en recién-nacidos? Can breastfeeding promote acute pain relief in newborns?

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Adriana Moraes Leite

    2006-08-01

    Full Text Available Trata-se de um estudo de revisão cujo objetivo foi identificar a eficácia da amamentação e dos aspectos que a congregam (contato, sucção, odor e leite como medidas não- farmacológicas no alívio da dor aguda em recém-nascidos. Os 14 artigos analisados foram obtidos pelo Medline/PubMed. Verificou-se diferenças metodológicas quanto à amostragem, procedimentos dolorosos, períodos e maneira de administrar o tratamento e variáveis mensuradas. Percebeu-se a eficácia da amamentação e dos aspectos que a congregam, no alívio da dor aguda. Percebe-se a necessidade de estudos que avaliem o seu efeito analgésico antes do procedimento doloroso, até a recuperação, tempo este, suficiente para atingir-se o efeito analgésico pós-absortivo do leite. Deve-se considerar a interação entre todos os componentes que estão contidos na amamentação.La finalidad de este estudio de revisión fue identificar la eficacia de la lactancia y de los aspectos que la congregan (contacto, succión, olor y leche como medidas no-farmacológicas en el alivio del dolor agudo en recién-nacidos. Se obtuvo los 14 artículos analizados a través del Medline/PubMed. Se verificó diferencias metodológicas respecto al muestreo, procedimientos dolorosos, períodos y manera de administrar el tratamiento y variables mensuradas. La lactancia y sus aspectos fueron percibidos como eficaces en el alivio del dolor agudo. Se percibe la necesidad de estudios que evalúen su efecto analgésico antes del procedimiento doloroso, hasta la recuperación. Este tiempo es suficiente para que se alcance el efecto analgésico tras la absorción de la leche. Se debe considerar la interacción entre todos los componentes de la lactancia.This review study aimed to identify the efficacy of breastfeeding and its component aspects (contact, sucking, odor and milk as nonpharmacological measures for pain relief in newborns. 14 articles from Medline/PubMed were analyzed. We observed

  13. Endoprótese revestida de jugular preservada de bovino: estudo comparativo da resposta tecidual em aorta torácica descendente e veia cava inferior de suínos Bovine preserved jugular covered stent-graft: comparative study of tissue response at swine thoracic descendent aorta and inferior vena cava

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Celso Luiz Muhlethaler Chouin

    2008-08-01

    Full Text Available OBJETIVO: Avaliar e comparar a resposta tecidual de uma endoprótese biosintetica implantada na aorta torácica descendente e veia cava inferior de suínos. MÉTODO: Foi implantada uma endoprótese auto-expansível composta de aço inoxidável, revestida por veia jugular de bovino, processada pelo método L-hydro, com auxilio de uma bainha de liberação Taheri-Leonhardt (Flórida, EUA na aorta torácica descendente, e a veia cava infra-renal de 10 suínos. Sessenta dias após, as endopróteses foram retiradas e analisadas sob o ponto de vista macro e microscópicos. Foram observados: perviedade, grau de incorporação a parede do vaso, tipo de reação inflamatória, e local de maior resposta, tanto em relação a camada do vaso quanto ao local de contato com o anel de aço RESULTADOS: Todas as endopróteses encontravam-se pérvias, e incorporadas à parede. No setor venoso, seis apresentaram traves fibrosas em sua luz, e quatro apresentaram fibrose perivascular. No setor arterial somente uma prótese apresentou discreta estenose, sem fibrose perivascular. A reação inflamatória crônica tipo corpo estranho ocorreu em 100% das peças, a camada média foi a mais acometida no setor venoso, enquanto a íntima foi mais constante na artéria, o grau de incorporação foi mais firme na veia em comparação a artéria. A reação tecidual mostrou maior tendência nas áreas em intimo contato com o anel de aço (intra-anelar, mais intensa na artéria do que na veia. CONCLUSÃO: A prótese apresentou baixa trombogenicidade em ambos os sistemas, houve maior reação tecidual e baixa biocompatibilidade no setor venoso.BACKGROUND: To evaluate and compare the tissue response, in swine, to a biosynthetic stent-graft when implanted in both thoracic aorta and inferior vena cava. METHOD: It was used a self-expanding stainless stent, covered by segment of bovine jugular veins, processed by the method L-hydro, and delivered by Taheri-Leonhardt system (Florida

  14. Fístula aortoesofágica após correção endovascular da dissecção de aorta torácica tipo B de Stanford Aortic-esophageal fistula after endovascular repair of Stanford type B thoracic aortic dissection

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cláudia Gurgel Marques

    2010-01-01

    Full Text Available A correção endovascular da dissecção de aorta tipo B tem se mostrado como uma nova alternativa para reduzir o trauma cirúrgico. No entanto, as complicações de médio e longo prazo, tais como a fístula aortoesofágica, são ainda pouco conhecidas e pouco relatadas. O objetivo deste trabalho é descrever três casos de fístula aortoesofágica após o tratamento endovascular de 23 casos de dissecção de aorta descendente conduzidos pela equipe de Cirurgia Vascular da Santa Casa de São Paulo em um estudo retrospectivo. Esses pacientes apresentavam características em comum, como dissecção crônica, pós-operatório imediato sem intercorrências, necessidade de reintervenções, oclusão de troncos arteriais como a artéria subclávia, mesentérica, tronco celíaco, e, ainda, uma rápida evolução para o óbito após os primeiros sinais de fístula. Portanto, embora raramente descrita na literatura, a ocorrência de fístula aortoesofágica é uma complicação de causa até o momento indefinida do tratamento endovascular da dissecção de aorta descendente que merece atenção, dada sua recorrência e evolução fatal.Endoluminal stent-graft for type B aortic dissection is a new alternative to reduce surgical trauma. However, medium- and long-term complications are still little known and poorly reported, such as the aortic-esophageal fistula. The objective of this study is to describe three cases of aortic-esophageal fistula after the endovascular treatment of 23 cases of descending aortic dissection conducted by the vascular surgery team of Santa Casa de São Paulo in a retrospective study. These patients presented some common characteristics: chronic dissection, successful early outcome, need of reinterventions, occlusion of arterial trunks such as subclavian artery, mesenteric artery, celiac trunk, and finally, a fast fatal course after the first fistula-related symptoms. Therefore, despite rarely described in the literature, aortic

  15. Análise morfométrica da fenda palpebral de pacientes com retração palpebral na fase aguda da orbitopatia distireoidiana submetidos à injeção palpebral de toxina botulínica tipo A Morphometric analysis of eyelid fissure in patients with eyelid retraction in acute stage of dysthyroid orbitopathy after treatment with botulinum toxin type A

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Patrícia Grativol Costa

    2008-08-01

    Full Text Available OBJETIVO: Apresentar dados morfométricos da fenda palpebral, antes e após a aplicação da toxina botulínica tipo A em pacientes com retração palpebral na fase aguda da orbitopatia distireoidiana. MÉTODOS: Estudo prospectivo com 12 indivíduos submetidos à aplicação de 5 UI/0,1 ml de toxina botulínica tipo A em uma das pálpebras superiores. O seguimento mínimo foi de 6 meses. A avaliação palpebral foi registrada por meio de captação de imagens com uma câmera filmadora de vídeo conectada a um microcomputador. RESULTADOS: As medidas da fenda palpebral vertical, distância da margem palpebral superior reflexo, área total da fenda palpebral e função do músculo levantador da pálpebra superior, apresentaram diminuição após a aplicação da droga. Houve diminuição, nos olhos tratados, da diferença entre a área lateral e a área medial da fenda palpebral. A distância margem palpebral inferior reflexo não mostrou alterações. No olho contralateral, houve aumento das medidas (fenda palpebral vertical, distância margem palpebral superior reflexo, área total da fenda palpebral até 2 semanas após a aplicação. CONCLUSÕES: Estes resultados mostram uma melhora da retração e do contorno palpebral superior, sem alterar o posicionamento da pálpebra inferior.PURPOSE: To compare morphometric data of eyelid fissure using computerized image analysis before and after application of botulinum toxin type A in patients with eyelid retraction caused by dysthyroid orbitopathy in acute stage. METHODS: This was a prospective study with 12 individuals that received transcutaneous 5 UI/0.1 ml injection of botulinum toxin in the upper eyelid. They were examined periodically for 6 months. Clinical eyelid examination was performed and re corded using a video camera connected to a microcomputer. RESULTS: Vertical eyelid fissure, upper eyelid margin to reflex distance and the eyelid area showed reduction in the treated eye. A decrease in

  16. Benefícios e complicações da ventilação mecânica não-invasiva na exacerbação aguda da doença pulmonar obstrutiva crônica Benefits and complications of noninvasive mechanical ventilation for acute exacerbation of chronic obstructive pulmonary disease

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Eduardo Rocha

    2008-06-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: A doença pulmonar obstrutiva crônica (DPOC é definida como uma síndrome caracterizada por obstrução crônica ao fluxo aéreo, geralmente progressiva, podendo ser acompanhada por hiper-responsividade brônquica e ser parcialmente reversível. A ventilação mecânica não-invasiva é uma alternativa de tratamento para pacientes com exacerbação da DPOC. O objetivo deste estudo foi verificar os benefícios e as complicações da ventilação mecânica não-invasiva em pacientes com exacerbação aguda da doença pulmonar obstrutiva crônica. CONTEÚDO: Realizou-se revisão de literatura científica nacional e internacional conforme os critérios estabelecidos para a pesquisa documental nas bases de dados MedLine, LILACS, SciElo, PubMed, Cochrane, com os unitermos: doença pulmonar obstrutiva crônica, ventilação mecânica não-invasiva. Os critérios de inclusão foram artigos publicados no período de 1995-2007; nas linguagens inglesa, espanhola e portuguesa; estudos em modelo humano e sem restrição de sexo. CONCLUSÕES: A ventilação mecânica não-invasiva pode diminuir a pressão parcial de dióxido de carbono, melhorar a troca gasosa, aliviar sintomas como dispnéia ocasionada pela fadiga da musculatura respiratória, reduzir as internações hospitalares, a necessidade de intubação, o número de complicações, o tempo de internação e a mortalidade hospitalar. As principais complicações encontradas foram: eritema facial, claustrofobia, congestão nasal, dor facial, irritação nos olhos, pneumonia aspirativa, hipotensão, pneumotórax, aerofagia, hipercapnia, distensão abdominal, vômitos, broncoaspiração, dor de cabeça matinal, lesões compressivas de face, embolia gasosa e não adaptação do paciente. A ventilação mecânica não-invasiva pode ser mais efetiva em pacientes com moderada a grave exacerbação da DPOC e as complicações podem ser diminuídas pela utilização de adequada

  17. Estado oxidante e antioxidante de crianças com bronquiolite aguda

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rusen Dundaroz

    2013-08-01

    Full Text Available OBJETIVO: O estresse oxidativo demonstrou contribuir para a patogênese de doenças pulmonares inflamatórias agudas e crônicas. Nosso objetivo foi avaliar o estado oxidante/antioxidante de crianças com bronquiolite aguda por meio de mensuração da capacidade antioxidante total do plasma, estado oxidante total e índice de estresse oxidativo. MÉTODOS: As crianças com bronquiolite aguda encaminhadas para o Departamento de Emergência Pediátrica do hospital universitário entre janeiro e abril 2012 foram comparadas a controles saudáveis de mesma idade. Os pacientes com bronquiolite aguda tiveram essa doença classificada como leve e moderada. O estado oxidante e antioxidante foi avaliado pela mensuração da capacidade antioxidante total do plasma, estado oxidante total e índice de estresse oxidativo. RESULTADOS: Foram incluídas 31 crianças com bronquiolite aguda com idade de três meses a dois anos e 37 crianças saudáveis. O estado oxidante total (EOT foi maior em pacientes com bronquiolite aguda do que no grupo de controle (5,16±1,99 µmol H2O2 em comparação a 3,78±1,78 µmol H2O2 [p = 0,004]. A capacidade antioxidante total (CAT foi significativamente menor em crianças com bronquiolite que no grupo de controle (2,51±0,37 µmol Trolox equivalente/L em comparação a 2,75±0,39 µmol Trolox Eqv/L (p = 0,013. Os pacientes com bronquiolite moderada apresentaram níveis de EOT mais elevados que os com bronquiolite leve e os do grupo de controle (p = 0,03, p < 0,001. Os pacientes com bronquiolite moderada apresentaram níveis de IEO mais elevados que os do grupo de controle (p = 0,015. O nível de saturação de oxigênio de pacientes com bronquiolite foi inversamente correlacionado ao nível de EOT (r = -0,476, p < 0,05. CONCLUSÃO: O equilíbrio entre os sistemas oxidante e antioxidante é interrompido em crianças com bronquiolite moderada, indicando que o fator de estresse poderá ter um papel na patogênese da doença.

  18. Tomografia computadorizada na avaliação da aspergilose pulmonar angioinvasiva em pacientes com leucemia aguda Computed tomography in the assessment of angioinvasive pulmonary aspergillosis in patients with acute leukemia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Renata Carneiro Leão

    2006-10-01

    Full Text Available OBJETIVO: O objetivo deste trabalho foi avaliar os principais achados na tomografia computadorizada de pacientes portadores de leucemia aguda complicada com aspergilose pulmonar angioinvasiva. MATERIAIS E MÉTODOS: Foram estudadas, retrospectivamente, as tomografias computadorizadas de 19 pacientes, avaliando-se a presença de consolidações, nódulos e massas, com ou sem sinal do halo, escavação e sinal do crescente aéreo. RESULTADOS: Áreas de consolidação foram o achado mais comum, ocorrendo em 12 dos 19 casos. A maioria delas apresentou o sinal do halo, enquanto escavação foi encontrada em 5 dos 12 casos com consolidações, sendo um deles com sinal do crescente aéreo. Nódulos e massas ocorreram em, respectivamente, seis e quatro casos, a maioria com sinal do halo. Escavação foi encontrada em apenas um caso de massa. Outros achados observados foram pavimentação em mosaico (dois casos, áreas de vidro fosco esparsas (três casos e envolvimento pleural (sete casos, sob a forma de derrame ou espessamento. CONCLUSÃO: Áreas de consolidação, massas ou nódulo, mesmo solitário, com sinal do halo, quando vistos na tomografia computadorizada em um contexto clínico apropriado, são altamente sugestivos de aspergilose angioinvasiva.OBJECTIVE: The aim of this study was to evaluate the main findings of computed tomography in patients presenting acute leukemia complicated by angioinvasive aspergillosis. MATERIALS AND METHODS: Computed tomography images of 19 patients were retrospectively studied for the presence of consolidations, nodules and masses, with or without presentation of halo sign, cavitation and air crescent sign. RESULTS: Consolidation was the most frequent finding, occurring in 12 of the 19 cases, most of them presenting the halo sign; cavitation was found in 5 of 12 cases, one of them with air crescent sign. Nodules and masses occurred respectively in six and four cases, most of them with halo sign. Cavitation was found

  19. Acute toxicity of Brosimum gaudichaudii Trécul. root extract in mice: determination of both approximate and median lethal doses Toxicidade aguda de extrato de raízes de Brosimum gaudichaudii Trécul. em camundongos: determinação da dose letal aproximada e da dose letal mediana

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luiz Carlos da Cunha

    2008-12-01

    "mamacadela" e possui, na sua composição química, furocumarinas fotossensibilizantes. O principal uso terapêutico do BG é no tratamento do vitiligo, uma doença despigmentante da pele com prevalência de aproximadamente 1-2% da população mundial. Há um produto no mercado (Viticromin®, que é comercializado com tal finalidade, havendo poucos dados disponíveis acerca da toxicidade experimental, ao lado de eficácia clínica comprovada. Portanto, o desenvolvimento de estudos de toxicidade pré-clínica foi proposto (dose letal aproximada, DLA e dose letal mediana, DL50 para o exsudato da raiz de BG em animais de laboratório. Foram utilizados camundongos machos, albinos, pesando entre 25 e 30 g, em boas condições sanitárias, recebendo água e ração ad libitum. O pó de BG foi suspenso em solução salina 0,9% com 0,5% de cremofor e administrado p.o. (gavage e intraperitonealmente. A DL50 foi obtida através do método de regressão linear de Lichtfield & Wilcoxon (1949, utilizando um software de domínio público. Foram formados 6 grupos de 10 animais para cada via de administração, incluindo grupo controle, e o número de mortes foi observado durante 14 dias; o grupo controle recebeu uma emulsão de solução salina 0,9% com 0,5% de cremofor. Antes de estabelecer a DL50 e visando reduzir o número de animais utilizados, determinou-se a DLA, utilizando 1 animal por dose (a próxima dose 50% maior do que a dose anterior, até identificar a dose letal para 1 animal. Assim, a DLA p.o. foi de 3750 mg/kg e a DLA i.p., 2920 mg/kg. A DL50 p.o. foi de 3517,54 mg/kg e a DL50 i.p. foi 2871,76 mg/kg. O produto foi considerado possuir baixa toxicidade, considerando apenas uma dose neste ensaio de toxicidade aguda.

  20. Valor prognóstico da interleucina-6 na evolução de pacientes com síndrome coronariana aguda sem supradesnivelamento de segmento ST =Prognostic value of interleukin-6 in the outcome of patients with acute coronary syndrome without ST-segment elevation

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Azevedo, Eduardo Mascarenhas et al.

    2006-01-01

    Full Text Available Objetivos: Identificar o valor prognóstico da interleucina-6 (IL-6 em pacientes com síndrome coronariana aguda sem supradesnivelamento de segmento ST internados na Unidade Coronariana do Hospital São Lucas da PUCRS. Métodos: Foram selecionados 90 pacientes consecutivos com síndrome coronariana aguda sem supradesnivelamento de segmento ST, acompanhados por um período médio de 29,4 meses, em busca de desfechos tais como: óbito, infarto agudo do miocárdio, angina instável e cirurgia de revascularização miocárdica nos períodos de 30 dias, 60 dias, 6 meses, 1 ano e maior que 1 ano. Os pacientes foram divididos em 2 grupos, com valores de IL-6 acima ou abaixo do percentil 50, correspondentes a um ponto de corte de 3,7 (unidade de medida conforme padronização do laboratório DPC-Medlab. Resultados: Através de regressão logística, foi determinado que níveis de IL-6 > 3,7 estavam associados a um maior risco de infarto agudo do miocárdio após o período total de acompanhamento do estudo (OR 5,5; 95% IC 1,5-20,4; p 0,01. Conclusões: Níveis elevados de IL-6 podem estar associados a um pior desfecho cardiovascular nesse grupo de pacientes em suas diversas formas de apresentação e em distintos períodos de acompanhamento. Aims: To identify the prognostic value of interleukin- 6 (IL-6 in patients with acute coronary syndrome without ST-segment elevation admitted to the Coronary Care Unit of Hospital São Lucas da PUCRS. Methods: Ninety consecutive patients with acute coronary syndrome without ST-segment elevation were selected for the study and followed for an average period of 29. 4 months, analyzing the occurrence of the following adverse outcomes: death, acute myocardial infarction, unstable angina and a myocardial revascularization procedure in periods of 30 days, 60 days, 6 months, 1 year and more than 1 year. Patients were divided in 2 groups, according to IL-6 values, those with higher or lower values than the median (50

  1. Toxoplasmose aguda: avaliação da técnica de imunoensaio em camada delgada para a detecção de anticorpos IgM, anti-Toxoplasma gondii Acute toxoplasmosis: evaluation of the thin-layer immunoassay for detecting IgM antibodies to Toxoplasma gondii

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Henry Inácio Zanevan Requejo

    1990-02-01

    Full Text Available Um método de reação antígeno-anticorpo denominado IMUNOENSAIO EM CAMADA DELGADA (ICD foi padronizado e avaliado para o imunodiagnóstico da toxoplasmose aguda, através da detecção de anticorpos IgM, anti-Toxoplasma gondii (ICD-IgM. Um total de 300 amostras de soros, tendo ou não o perfil sorológico da toxoplasmose aguda, foi estudado pelo ICD-IgM e os resultados analisados quanto aos aspectos qualitativos e quantitativos em relação aos testes convencionais de imunofluorecência indireta para a detecção de IgM, (IFI-IgM e de hemaglutinação pré e após tratamento com 2-mercaptoetanol (HA-2ME. Foram calculados os coeficientes de correlação entre os resultados fornecidos pelo ICD-IgM e as técnicas convencionais, de acordo com as concentrações do antígeno, assim como, foi verificada a influência dessas concentrações antigênicas nos índices relativos de sensibilidade e de especificidade. O estudo estatístico mostrou reprodutibilidades significativas dos resultados inter e intra testes, assim como no reaproveitamento do antígeno por 10 vezes. Os resultados de ICD-IgM mostraram que as concentrações antigênicas ideais foram de 70 a 100µg/ml, para o ensaio em questão, para se obter máximas sensibilidade e especificidade. Portanto, ICD-IgM, por fornecer resultados tão sensíveis e específicos quanto aqueles dos testes convencionais referidos, poderá ser empregado para fins diagnósticos.A solid phase method, thin-layer immunoassay (IgM-TIA was standardized and evaluated for the immunodiagnosis of acute toxoplasmosis, through the detection of IgM antibodies to Toxoplasma gondii. A total of 300 serum samples from serologically defined acute toxoplasmosis and, from non-related infections, was investigated by IgM-TIA. Statistical analysis were carried out in comparison with conventional tests, the immunofluorescence test for the detection of IgM antibodies (IgM-IFI and hemagglutination test which uses 2-mercaptoetanol

  2. Papel do óxido nítrico no desenvolvimento de lesões cardíacas na fase aguda da infecção experimental pelo Trypanosoma cruzi Role of nitric oxide in the development of cardiac lesions during the acute phase of experimental infection by Trypanosoma cruzi

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cláudia Renata Bibiano Borges

    2009-04-01

    Full Text Available A doença de Chagas é causada pelo Trypanosoma cruzi e o coração é o órgão mais acometido. O óxido nítrico apresenta importante ação anti-Trypanosoma, porém, com pouca evidência de seu papel no mecanismo de lesão tecidual. O objetivo deste estudo foi analisar a contribuição do óxido nítrico no desenvolvimento da inflamação e da fibrose cardíaca na fase aguda da infecção experimental por cepas Y e Colombiana do Trypanosoma cruzi. A inflamação foi significativamente maior nos animais infectados pela cepa Colombiana, comparada com os infectados com a cepa Y, tanto nos animais C57BL/6 (3,98x1,87%; p=0,004 quanto nos animais C57BL/6 deficientes na sintase do óxido nítrico induzível (3,99x2,4%; p=0,013. O parasitismo cardíaco dos animais C57BL/6 deficientes na sintase do óxido nítrico induzível infectados pela cepa Colombiana foi significativamente maior que o destes mesmos animais infectados com a cepa Y (2,78x0,17 ninhos/mm²; p=0,004 assim como, os animais C57BL/6 infectados com a cepa Colombiana (2,78x1,33 ninhos/mm²; p=0,006 ou cepa Y (2,78x0,53 ninhos/mm²; p=0,005. Os dados reforçam o papel do óxido nítrico no controle do parasitismo e sugerem seu papel na proteção tecidual, controlando a inflamação e potencialmente diminuindo lesões cardíacas durante a fase aguda na doença de Chagas experimental.Chagas disease is caused by Trypanosoma cruzi and the heart is the organ most affected. Nitric oxide has notable anti-Trypanosoma action, but with little evidence regarding its role in the mechanism for tissue injury. The objective of this study was to analyze the contribution of nitric oxide towards the development of inflammation and cardiac fibrosis during the acute phase of experimental infection by Y and Colombian strains of Trypanosoma cruzi. The inflammation was significantly more intense in animals infected with the Colombian strain, compared with those infected with the Y strain, both in C57BL/6

  3. Estenose carotídea acima de 70% em pacientes no pré-operatório de cirurgia da aorta abdominal: freqüência e fatores de risco Frequency and risk factors for carotid stenosis above 70% in patients undergoing abdominal aortic surgery

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    André Ventura Ferreira

    2006-03-01

    Full Text Available OBJETIVO: Analisar a freqüência e os fatores de risco associados à estenose carotídea acima de 70% em pacientes que serão submetidos a cirurgias de aorta abdominal. MATERIAL E MÉTODO: Foram analisados 94 pacientes que realizaram ultra-som Doppler de carótidas no pré-operatório de cirurgias de aorta abdominal entre janeiro de 2000 e janeiro de 2003, pela disciplina de Cirurgia Vascular da Santa Casa de São Paulo. RESULTADOS: Sessenta e sete pacientes (71% eram homens. Dentre os 94 pacientes, 42 (44,6% tinham doença oclusiva aorto-ilíaca, e 52 (53,4%, aneurismas da aorta abdominal (AAA. A análise dos dados mostrou uma prevalência de estenose de carótidas acima de 70% em 8,33% dos pacientes com AAA e em 13,51% dos pacientes com doença oclusiva aorto-ilíaca, diferença esta sem significância estatística (P = 0,5. Nos pacientes que apresentavam antecedente de isquemia cerebral - acidente vascular cerebral (AVC ou ataque isquêmico transitório (AIT -, houve uma prevalência estatisticamente maior de estenose carotídea entre 70 e 99%. Outros fatores de risco para aterosclerose, como sexo masculino, diabetes, hipertensão arterial e tabagismo, não foram preditivos da presença de estenose carotídea acima de 70%. CONCLUSÃO: A freqüência de estenose da carótida acima de 70% em pacientes no pré-operatório de cirurgia de aorta foi de 9,57%, e a presença de antecedente de AVC ou AIT na história foi preditiva de estenose acima de 70% neste grupo de pacientes.OBJECTIVE: To analyze the frequency and risk factors of carotid stenosis above 70% in patients undergoing abdominal aortic reconstruction. MATERIAL AND METHOD: Ninety-four patients who underwent Doppler ultrasound preoperative screening for abdominal aortic surgery between January 2000 and January 2003 were analyzed by the Vascular Surgery Unit of the Santa Casa of São Paulo (Faculty of Medical Sciences. RESULTS: Sixty-seven (71% patients were male. Of the 94 patients, 42

  4. Acesso vídeo-laparoscópico no tratamento cirúrgico da diverticulite aguda The vídeolaparoscopic access in the surgical treatment of acute diverticular disease

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Afonso Henrique da Silva e Sousa Jr.

    2006-09-01

    Full Text Available A revisão de conceitos baseada na literatura recente relacionada ao tratamento da doença diverticular dos cólons pelo acesso vídeolaparoscópico é apresentada ao lado das indicações de formas de tratamento clássicas. A dupla abordagem videolaparoscópica, imediata para tratamento da peritonite seguida da ressecção tornada eletiva é a modalidade nova na literatura, mas ainda não padronizada. Discutem os autores dados relativos a esta tática e de outros estudos que podem ampliar o emprego desta abordagem.This review is based on standards of treatment for diverticular disease, both classical and new ones due to cumulated videolaparoscopic experience. The sequential double videolaparoscopic procedure for acute diverticulitis is discussed along with data from other studies supporting this novel modality of surgical treatment.

  5. Apendicite aguda isquêmica em coelhos: novo modelo com estudo histopatológico

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Nunes Fernando Costa

    2005-01-01

    Full Text Available OBJETIVOS: Avaliar a isquemia parcial ou total, através da ligadura com fio inabsorvível dos vasos do mesoapêndice do apêndice vermiforme de coelhos, bem como a obstrução mecânica, através da ligadura com fio inabsorvível da base do apêndice vermiforme, a 1 cm do ceco. Avaliar a histologia do apêndice ( normal e acometido . Estudar a flora bacteriana residente no apêndice vermiforme ( normal e acometido e do exsudato peritoneal. MÉTODOS: Foram utilizados 72 coelhos ( "Oryctogalus cuniculos" , machos da linhagem Nova Zelândia, com peso médio de 3,000 gramas. Foram divididos em grupos: piloto ( A , flora bacteriana ( B , controle ( H e experimento ( C, D, E, F e G com períodos de observação de 96 horas e 192 horas. Fez-se a ligadura dos vasos do mesoapêndice, com fio inabsorvível nos grupos ( D, E, F e G e da base do apêndice vermiforme a 1 cm do ceco, no grupo ( C . No grupo experimento (D,E,F e G foi praticado o modelo isquêmico. No grupo experimento ( C foi realizada a obstrução mecânica e no grupo controle ( H foi feita somente a simulação da cirurgia. RESULTADOS: No grupo controle ( H , não ocorreu apendicite aguda. No grupo experimento ( C,D,E,F, e G ocorreu apendicite aguda. CONCLUSÃO: O procedimento utilizado causa apendicite aguda com alterações anatomopatológicas distintas. A bactéria residente encontrada na flora fisiológica do suco entérico do apêndice vermiforme e no exsudato peritoneal foi a Escherichia coli.

  6. Fístula aortobroncopulmonar em pós-operatório tardio de coarctação da aorta Fístula aortobroncopulmonar en postoperatorio tardío de coartación de aorta Aortobronchopulmonary fistula in the postoperative period of aortic coarctation

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Antônio Fernando Coelho Júnior

    2009-04-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: Em pacientes com hemoptise e história de cirurgia aórtica, a possibilidade de fístula aortobroncopulmonar deve sempre ser considerada. O objetivo deste estudo foi relatar um caso raro de hemoptise por fístula aortobroncopulmonar em pós-operatório tardio de cirurgia aórtica. RELATO DE CASO: Mulher, 34 anos, correção cirúrgica de coarctação de aorta na infância, apresentando hemoptise maciça. Ecocardiograma evidenciou pseudoaneurisma. Foi realizada a cirurgia e implantado tubo de dacron no segmento aórtico envolvido com sucesso. CONCLUSÕES: Fístula aortobroncopulmonar deve ser lembrada em pacientes com cirurgia aórtica prévia, principalmente pela elevada morbimortalidade se não diagnosticada e tratada precocemente.JUSTIFICATIVA: En pacientes con hemoptisis e historia de cirugía aórtica, la posibilidad de fístula aortobroncopulmonar siempre debe tenerse en cuenta. OBJETIVOS: Relatar un caso raro de hemoptisis por fístula aortobroncopulmonar en postoperatorio tardío de cirugía aórtica. INFORME DE CASO: Mujer, 34 años, corrección quirúrgica de coartación de la aorta en la infancia, presentando hemoptisis masiva. Ecocardiograma mostró evidencias de seudoaneurisma. Se realizó la cirugía, implantándose con éxito un tubo de dacron en el segmento aórtico involucrado. CONCLUSIONES: La fístula aortobroncopulmonar debe ser considerada en pacientes con cirugía aórtica previa, principalmente por la elevada morbimortalidad cuando no es diagnosticada y tratada precozmente.BACKGROUND AND OBJECTIVES: In patients with hemoptysis and a history of aortic surgery, the possibility of aortobronchopulmonary fistula must always be considered. The objective of this study was to report a rare case of hemoptysis due to aortobronchopulmonary fistula in the late postoperative period of aortic surgery. CASE REPORT: Female patient, 34 years, surgical correction of aortic coarctation, presenting massive hemoptysis

  7. Influência do exercício físico e da temperatura corporal em marcadores de cardiotoxicidade aguda, induzida pela administração de D-anfetamina, no modelo animal

    OpenAIRE

    Ferreira, Maria Teresa do Vale

    2004-01-01

    Dissertação de Mestrado em Ciência do Desporto, área de especialização em Desporto de Recreação e Lazer, apresentada à Faculdade de Ciências do Desporto e de Educação Física da Universidade do Porto

  8. Estimulação percutânea dos nervos sensitivos periféricos nas crises agudas da trigeminalgia essencial Percutaneous stimulation of peripheral sensitive nerves in controling acute trigeminalgia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Nilton Luís Latuf

    1975-06-01

    Full Text Available A eletroestimulação de fibras sensitivas periféricas tem sido usada com bons resultados no controle da dor. Acredita-se que a moderna teoria da fisiologia da dor ofereça bases científicas para explicar o seu mecanismo de ação. Este método foi utilizado em 21 pacientes com trigeminalgia essencial, sendo estimulados continuamente durante 30 minutos com voltagens variáveis, os nervos infra e supra-orbitário, assim como mentoneiro, de acordo com a região atingida. Obteve-se, como resultado, o alívio imediato da dor por espaços de tempo que variaram entre 6 e 48 horas.The electric stimulation of sensitive peripheric fibres has been used with good results in the control of pain. It is belived that the modern theory of pain phisiology offers scientific basis to explain its action mechanism. This method was applied to twenty-one patients suffering from trigeminalgia, being continually stimulated during thirty minutes with variable voltages, according to the affected region. As a result, it was obtained the immediate relief of pain for periods of time varying from six and forty-eight hours.

  9. Aspectos virológicos e clínico-patológicos da infecção genital aguda e latente pelo herpesvírus bovino tipo 1.2 em bezerras infectadas experimentalmente Virological and clinico-pathological features of acute vulvovaginitis and latent infection by bovine herpesvirus 1.2 in heifers experimentally infected

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Andréia Henzel

    2008-03-01

    Full Text Available A infecção genital de vacas pelo herpesvírus bovino tipo 1.2 (BoHV-1.2 pode resultar em vulvovaginite e infertilidade temporária. Após a infecção aguda, o BoHV-1 estabelece infecção latente, que pode cursar com episódios periódicos de reativação. O presente trabalho descreve os aspectos virológicos e clínico-patológicos da vulvovaginite aguda e infecção latente resultantes da inoculação de bezerras com uma amostra de BoHV-1.2 isolada de casos de balanopostite em touros. A inoculação do vírus em quatro bezerras pela via genital (10(8.1TCID50/animal resultou em replicação viral na mucosa genital e no desenvolvimento de vulvovaginite moderada a severa. Os animais inoculados excretaram o vírus nas secreções genitais até o dia 10 pós-inoculação (p.i. com título máximo de 10(7.3TCID50/mL. Foram observados congestão e edema da mucosa vulvovestibular, e formação de pequenas vesículas e pústulas. Durante a progressão clínica, as vesículas e pústulas aumentaram de tamanho e eventualmente se tornaram coalescentes e recobertas por um exsudato fino de coloração amarelada. Estes sinais foram observados a partir do dia 2 p.i. e aumentaram progressivamente de severidade até os dias 5-8 p.i. A administração de dexametasona no dia 55 p.i. resultou em excreção viral nas secreções genitais dos quatro animais por até 10 dias. A reativação da infecção latente foi acompanhada de recrudescência clínica, porém com sinais menos severos e com menor duração do que na infecção aguda. O DNA viral latente foi detectado por PCR, aos 36 dias pós-reativação (p.r., nos seguintes tecidos: gânglio sacrais: pudendo (4/4; genitofemoral e retal caudal (3/4 e obturador (4/4 e em alguns linfonodos regionais. Estes resultados demonstram que o isolado SV-56/90 é virulento para fêmeas soronegativas, após inoculação genital, e pode ser utilizado em estudos de patogenia e de desafio vacinal.Venereal infection of heifers

  10. Acute respiratory infections control in the context of the IMCI strategy in the Americas Controle das infecções respiratórias agudas no contexto da estrategia AIDPI nas Américas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Yehuda Benguigui

    2003-03-01

    Full Text Available Acute respiratory infections (ARI are an important cause of morbidiyty and mortality in children all over the World, particularly in developing countries. Contrasts in mortality can be observed among the countries in America, and also within the countries. Contrasts are also observed in morbidity, associated with differences in nutritional status, absence of breast-feeding and characteristics of care given for ill chidren. Parents perception of disease, patterns and habits of care administered to child during the illness, level of concern about decision to seek assistence, manner in wich care is sought and extent to wich recommendations are followed have great influence in the course and outcome of the disease. Bacterial resistance to antibiotics is an increasing problem in America, with an average of 26,1% resistance of Streptococcus pneumonia to penicilin. Antibiotics are frequently used in irrational way, and up to 70% of ARI receive antibiotics unnecessarily. Controlling IRA has become a priority. Preventive interventions with vaccines, specially current conjugate vaccines against Haemophilus influenzae and Streptococcus pneumoniae, and standardized case management, as proposed by Integrated Management of Childhood Ilness (IMCI seems to be the most important steps for this public health problem.As infecções respiratórias agudas (IRA são importante causa de morbidade e mortalidade em menores de cinco anos. Importantes contrastes são observados em relação a isto nos diferentes países das Américas, e também entre regiões ou estados de um mesmo país. A morbidade está associdada a vários fatores, especialmente com a situação nutricional das pacientes e o tempo de aleitamento materno. Também as características dos cuidados prestados a essas crianças durante a doença são essenciais, com destaque para a percepção dos pais ou responsáveis em relação à doença, os cuidados que os mesmos prestam à criança durante a doen

  11. Avaliação da incidência e de fatores de risco para a colite isquêmica após reparo de aneurisma de aorta abdominal Avaliation of Incidence and risk factors for ischemic colitis following abdominal aortic aneurism repair

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Gilmara Pandolfo

    2007-09-01

    Full Text Available Este estudo teve como objetivo principal determinar a incidência da colite isquêmica após o reparo de aneurisma de aorta abdominal, bem como identificar fatores de risco para o desenvolvimento da mesma. Foram estudados 11 pacientes submetidos a reparo cirúrgico eletivo de aneurisma de aorta abdominal no Serviço de Cirurgia Cardiovascular do HSL-PUCRS. A incidência de colite isquêmica foi determinada através de retossigmoidoscopia flexível, com biópsia, realizada em todos os pacientes no 7º pós-operatório. A incidência da doença foi comparada com variáveis clínicas como: sexo; idade; presença de comorbidades associadas; choque trans-operatório; fluxo na artéria mesentérica inferior (AMI; complicações pós-operatórias; e o desfecho final. Em nossa amostra, a incidência da colite isquêmica após o reparo de aneurisma de aorta abdominal foi 36%, sendo destes 25% da forma gangrenosa. A ocorrência de isquemia do cólon foi mais freqüente em associação com o diagnóstico de doença pulmonar obstrutiva crônica, e em pacientes que apresentavam fluxo na artéria mesentérica inferior no pré-operatório (pIschemic colitis is a relatively uncommon complication following abdominal aortic aneurism repair. However, patients with this disease have higher rates of mortality when compared to ischemic colitis alone. The objective of our study is to investigate the incidence and risk factors associated with the occurrence of ischemic colitis following abdominal aortic aneurism repair. We studied eleven patients treated by surgery for aortic aneurism at Hospital São Lucas da PUCRS (HSL-PUCRS. The patients were evaluated for other clinical conditions and were submitted to flexible reto-sigmoidoscopy at the seventh day after surgery. Incidence of ischemic colitis was 36% and it was associated with chronic obstructive pulmonar disease and the presence of blood flow through the inferior mesenteric artery before surgery. Among the

  12. Avaliação da utilização do placebo nas crises agudas de migrânea sem aura, migrânea com aura e cefaléia do tipo tensional episódica Evaluation of placebo use in migraine without aura, migraine with aura and episodic tension-type headache acute attacks

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marcelo Eduardo Bigal

    2001-09-01

    Full Text Available O presente estudo apresenta a avaliação do efeito placebo no tratamento agudo da migrânea sem aura, migrânea com aura e cefaléia do tipo tensional episódica. Foram estudados pacientes que deram entrada entre 1 de março de 1997 a 31 de novembro de 1999 em dois pronto-socorros. Definiram-se três grupos, cada um com 30 pacientes: 1 - migrânea sem aura (MSA; 2 -- migrânea com aura (MCO; 3 -- cefaléia do tipo tensional episódica (CTTE. Os pacientes participavam de estudo randomizado para avaliar a eficácia de 4 drogas; aqueles randomizados para o placebo foram incluídos também. Os parâmetros avaliados foram: 1 -- dor; 2 - sintomas associados. Avaliados uma hora após a administração do placebo, 50% dos pacientes do grupo MSA, 23,3% dos pacientes do grupo MCA e 26,7% dos pacientes do grupo CTTE apresentavam melhora da dor. A melhora, avaliada pela escala numérica da dor foi, em média, de 41,6%, 23,1% e 36%, respectivamente. Houve também redução significativa de todos os sintomas associados. A utilização do placebo é, portanto, essencial na avaliação de drogas utilizadas no tratamento de cefaléias agudas.This study presents an evaluation of placebo response in the acute treatment of migraine with or without aura and episodic tension type headache. We studied patients admitted between March 1st,1997 and November 31st,1999 in two Emergency Room Units. Three groups had been defined, each one with 30 participants: migraine without aura (MWOA, migraine with aura (MWA and episodic tension-type headache (ETTH. Patients were participating of a randomized study to evaluate efficacy of 4 different drugs; those randomized to receive placebo were included. We evaluated pain and associated symptoms. After one hour of placebo administration, 50% of MWOA patients, 23.3% of MWA and 26.7% of ETTH had presented pain relief. The mean of this relief, evaluated by the numerical pain scale, was 41.6%, 23.1% and 36%, respectively. Use of placebo

  13. Estudo controlado do uso endovenoso de sulfato de magnésio ou de salbutamol no tratamento precoce da crise de asma aguda grave em crianças Randomized clinical trial of intravenous magnesium sulfate versus salbutamol in the early management of severe acute asthma in children

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    João Carlos Santana

    2001-08-01

    Full Text Available OBJETIVOS: estudar os efeitos da administração endovenosa de sulfato de magnésio (MgEV ou de salbutamol (SalbEV em crianças com crise de asma aguda. MÉTODOS: estudo randomizado, duplo-cego e controlado por placebo. Incluídas crianças maiores de 2 anos admitidas em sala de observação com crise de asma aguda grave (refratária a três nebulizações com beta-adrenérgicos. Após a admissão, recebiam tratamento convencional (oxigênio, corticóides, nebulizações com beta-adrenérgicos e eram alocadas a receber uma de três soluções indistinguíveis entre si: a MgEV (50 mg/kg; b SalbEV (20 µg/kg; ou c solução salina, que eram administradas em 20 minutos (1ml/kg/hora. Avaliações clínicas, dosagens de eletrólitos e gases arteriais foram registrados antes e 1 hora após a infusão das drogas. RESULTADOS: foram estudados 50 pacientes (+ 4,5 anos e 53% de meninas, sem diferenças significativas entre os 3 grupos. No grupo MgEV, observou-se redução da pressão arterial durante a infusão, que retornou ao normal 1 hora após, associado com aumento (p OBJECTIVE: To study the efficacy of intravenous magnesium sulfate and intravenous salbutamol in the treatment of severe asthma in children. METHODS: Randomized, double-blind, placebo-controlled clinical trial, including children above 2 years of age with severe acute asthma admitted to the observation ward of the Pediatric Intensive Care Unit of Hospital São Lucas. All patients received conventional treatment (oxygen, corticoids, beta-adrenergics on admission, and later received one of the following solutions: a IVMg (50 mg/kg; b intravenous salbutamol (20 µg/kg; c saline solution (1 ml/kg/min. Clinical assessments, electrolyte concentration, and arterial blood gas analyses were recorded before intravenous infusion and one hour after that. RESULTS: Fifty patients participated in this study (of whom 53% were females, mean age = 4.5 years. There were no significant differences among the

  14. Avaliação da toxicidade aguda e subaguda, em ratos, do extrato etanólico das folhas e do látex de Synadenium umbellatum Pax. Acute and subacute toxicity studies of the latex and of the ethanolic extract of the leaves of Synadenium umbellatum Pax in rats

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luiz C. Cunha

    2009-06-01

    Full Text Available O uso de plantas medicinais tem sido muito significativo nos últimos anos, sendo incentivado pela Organização Mundial de Saúde (OMS. Synadenium umbellatum Pax, Euphorbiacea (vulgo cola-nota, cancerola, milagrosa tem o látex usado empiricamente como antitumoral e antiinflamatório. Por existir espécies tóxicas nesta família e visando à segurança no uso de extratos vegetais, tal estudo avaliou a toxicidade pré-clínica do látex e do extrato etanólico das folhas (EEF de S. umbellatum, por via oral, em ratas Wistar. O estudo seguiu diretrizes do Guideline 423 (toxicidade aguda e Guideline 407 (toxicidade subaguda da OECD (Organisation for Economic Cooperation and Development. Na toxicidade aguda do látex e do EEF, não se observou letalidade nem alterações fisiológicas e comportamentais das ratas na dose de 2000 mg/kg, sendo praticamente atóxico. Porém, na análise histopatológica, o látex ocasionou congestão e infiltrado leucocitário nos rins, fígado e pulmões, efeitos não observados com o EEF. Na toxicidade subaguda, doses de 50, 100 e 200 mg/kg de EEF não produziram alterações dose-dependentes significativas nos parâmetros laboratoriais e fisiológicos, nem alterações macroscópicas e histopatológicas nos órgãos das ratas. Contudo, o uso crônico da planta S. umbellatum merece mais estudos.The use of medicinal plants has been being very significant in the last years, being the use encouraged by WHO. Synadenium umbellatum Pax, Euphorbiacea (popularly known as cola-note, cancerola, miraculous has the latex used empirically as anti-cancerous and anti-inflammatory. For there being toxic species in this family and aiming at the safety in the use of vegetable extracts, such study evaluated the pre-clinical toxicity of the latex and of the ethanolic extract of the leaves (EEL of S. umbellatum, administrated by oral route, in Wistar female rats. The study followed OECD's Guidelines for test of acute toxicity (Guideline

  15. Gravidade da lesão angiográfica coronariana e polimorfismo da APOE nas síndromes coronarianas agudas Severidad de la lesión angiográfica coronaria y polimorfismo de la APOE en los síndromes coronarios agudos Severity of angiographic coronary obstruction and the apolipoprotein E polymorphism in acute coronary syndromes

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Arlisa Monteiro de Castro Dias

    2009-09-01

    Full Text Available FUNDAMENTO: Existem evidências de associação entre o polimorfismo da apolipoproteína E (APOE e a doença coronariana, entretanto há controvérsias. OBJETIVO: Avaliar a associação entre o número de vasos coronarianos acometidos por obstrução significativa definida por angiografia, o polimorfismo da APOE e as variáveis clínicas. MÉTODOS: Estudo transversal multicêntrico que envolveu 207 pacientes (138 homens com síndrome coronariana aguda (SCA em Niterói (RJ - Brasil, os quais realizaram angiografia coronariana e determinação do genótipo para o polimorfismo APOE *2*3*4, pelo método de Restriction Fragment Length Polymorphism (RFLP. RESULTADOS: A frequência dos alelos APOE *2 foi de 6,8%, *3 foi de 82,5%, e *4 foi de 10,7%. Quanto ao número de vasos lesados, 27% dos pacientes apresentavam obstrução uniarterial, 33,8%, biarterial, e 39,1%, triarterial ou de tronco da coronária esquerda. O grau de lesão multivascular não se relacionou com a presença do alelo *4 (p = 0,78, mas com a idade > 55 anos (p = 0,025, o ex-tabagismo (p = 0,004 e a dislipidemia (p = 0,05 na análise multivariada e com doença arterial coronariana prévia (p = 0,05, diabete (p = 0,038 e síndrome metabólica (p = 0,021 na análise univariada. A prevalência de dislipidemia, diabete e hipertensão arterial sistêmica (HAS foi elevada em relação a estudos semelhantes, com aumento progressivo da prevalência de HAS (p = 0,59 e de diabete (p = 0,06, de acordo com o número de vasos lesados. CONCLUSÃO: O polimorfismo da APOE não se associou ao número de vasos coronarianos com obstrução significativa em qualquer faixa etária. Por outro lado, a idade > 55 anos, o ex-tabagismo e a dislipidemia associaram-se à lesão multivascular.FUNDAMENTO: Hay evidencias de asociación entre el polimorfismo de la apolipoproteína E (APOE y la enfermedad coronaria, sin embargo hay controversias. OBJETIVO: Evaluar la asociación entre el número de vasos coronarios

  16. Influência da suplementação aguda e crônica de creatina sobre marcadores enzimáticos de dano muscular de ratos sedentários e exercitados com natação Influence of short and long term creatine supplementation on enzymatic markers of muscle damage in sedentaries and exercised rats

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Renato Aparecido de Souza

    2010-09-01

    Full Text Available O objetivo deste estudo foi investigar os efeitos da suplementação aguda (5 g.kg-1 durante uma semana e crônica (1 g.kg-1 durante quatro e oito semanas de creatina (Cr sobre as concentrações plasmáticas de Creatina Quinase (CQ, Lactato Desidrogenase (LDH e Aspartato Aminotransferase (AST, de ratos sedentários e exercitados (natação a 80% da carga máxima tolerada. Setenta e dois ratos Wistar machos (250 ± 10 g foram utilizados e divididos igualmente em quatro grupos: ratos sedentários não suplementados (CON; n = 18; ratos exercitados não suplementados (NAT; n = 18; ratos sedentários e suplementados (CRE; n = 18; ratos exercitados e suplementados (CRE + NAT; n = 18. Ao final da primeira, quarta e oitava semanas, seis animais de cada grupo foram sacrificados. Os resultados demonstraram: 1 ao final da primeira semana elevação plasmática de CQ, LDH e AST nos grupos NAT-1 e CRE+NAT-1 em relação aos grupos CON-1 e CRE-1; 2 ao final da quarta semana valores superiores para CQ e LDH somente no grupo NAT-4; e 3 ao final da oitava semana, somente os valores de AST do grupo CRE-8 diferiram dos demais. Estes achados sugerem que a suplementação de Cr: 1 não afeta o dano muscular em ratos submetidos a uma semana de treinamento físico de alta intensidade em meio aquático; 2 pode ser capaz de reduzir o dano muscular após quatro semanas de treinamento; e 3 após oito semanas de suplementação de Cr, o dano muscular parece ser atenuado pelo próprio exercício, anulando os efeito da Cr.The aim of this study was to investigate the effects of the short-term (5 g.kg-1 to 1 week and long-term (1 g.kg-1 to 4-8 weeks creatine supplementation (Cr on the Creatine Kinase (CK, Lactate Dehydrogenaze (LDH and Aspartate Aminotransferase (AST plasmatic concentrations of sedentary and exercised (swimming to 80% of the tolerated maximum load rats. Seventy two Wistar males rats (250 ± 10 g were equally divided in four groups: sedentary rats without

  17. Dor aguda no joelho do paciente idoso Acute knee pain in elderly patients

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Gilberto Luís Camanho

    2008-09-01

    Full Text Available A dor aguda no joelho de pacientes idosos é freqüente, sendo caracterizada por seu aparecimento súbito, sem causa aparente, com exame radiográfico dentro dos padrões da normalidade, na maioria dos casos. A etiologia da dor aguda no joelho é decorrente de insuficiência das estruturas, e seu quadro clínico difere completamente daquele determinado pela osteoartrose, sendo sempre unilateral e ocorre na grande maioria em pacientes do sexo feminino, após a quinta década de vida, e na região medial do joelho (local de maior carga. Com o propósito de analisar as possíveis etiologias para a dor aguda do joelho de pacientes acima de 60 anos de idade, suas características e tratamento, os autores discutem as etiologias relacionadas à dor aguda: lesão meniscal, fratura por fadiga e osteonecrose idiopática.Acute knee pain in elderly patients is not uncommon, and is characterized by a sudden onset, no apparent cause, and by normal radiographic findings in most cases. The etiology of acute knee pain is the result of insufficient structures, and clinical symptoms are totally different from the symptoms seen in osteoarthrosis. This acute pain in the knee is always unilateral and in the medial region of the knee joint (site with the heaviest load, predominantly in females after the fifth decade of live. In order to consider the possible etiologies for acute knee joint pain in patients older than 60 years, its characteristics and treatment, the authors discuss etiologies related to acute pain: lesion of the meniscus, stress fracture, and idiopathic osteonecrosis.

  18. Sertralina e pancreatite aguda: relato de caso Sertraline and acute pancreatitis: a case-report

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    André Malbergier

    2004-03-01

    Full Text Available A pancreatite aguda é uma patologia grave e com considerável morbidade e mortalidade. Vários fatores são apontados como possíveis causas de pancreatite aguda. Neste relato, será apresentado um caso de pancreatite aguda com possível associação causal com um inibidor seletivo de recaptura de serotonina: sertralina. Após um mês de tratamento com sertralina, uma paciente do sexo feminino, 55 anos, desenvolveu forte dor abdominal e elevação da amilase sérica. Após internação e retirada da sertralina, seus sintomas remitiram e os níveis de amilase voltaram ao normal. Pela potencial gravidade do quadro e pelo amplo uso desta medicação, tal associação deve ser lembrada em investigações de casos de pancreatite aguda.Acute pancreatitis is a severe disease with considerable morbidity and mortality. Many risk factors are causally related to acute pancreatitis. In this report, a case of acute pancreatitis with possible causal relationship with the use of a selective serotonin reuptake inhibitor, sertraline, will be discussed. After one month of treatment with sertraline, a female patient, 55 years-old, developed a severe abdominal pain and showed a serum amylase elevation. She was admitted to the hospital and the use of sertraline was interrupted. After that, the symptoms remitted and the serum amylase level returned to normal. Because of the potential severity of this disease and the widespread use of sertraline, this association should be reminded when investigating possible causes for acute pancreatitis.

  19. Proteção medular em cirurgia da aorta descendente com uso de "bio-pump" e exsangüinação controlada Spinal protection during descending aortic surgery

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Henrique Murad

    1994-06-01

    Full Text Available Os autores utilizam como método de proteção medular em cirurgia de aorta descendente, circulação extracorpórea átrio esquerdo-femoral esquerda, com baixa dose de heparina (1 mg/kg, bomba centrífuga (bio-pump e exsangüinação controlada. Operaram 4 doentes com esta metodologia sem que houvesse mortalidade, paraplegia ou sangramento excessivo.The authors have used for spinal cord protection during descending aortic surgery, partial extracorporeal circulation from left atrium to left femoral artery, low dose of heparin (1 mg/kg, centrifugal pump (bio-pump and controlled exsanguination. They have operated upon with this methodology 4 patients without mortality, paraplegia or excessive bleeding.

  20. Citocinas e proteínas de fase aguda do soro como marcadores de regressão da resposta inflamatória ao tratamento da tuberculose pulmonar Cytokines and acute phase serum proteins as markers of inflammatory regression during the treatment of pulmonary tuberculosis

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Eliana Peresi

    2008-11-01

    Full Text Available OBJETIVO: Analisar o padrão de citocinas pró- e antiinflamatórias e da resposta de fase aguda (RFA como marcadores de resposta ao tratamento da tuberculose pulmonar. MÉTODOS: Determinação dos níveis de interferon-gama (IFN-γ, tumor necrosis factor-alpha (TNF-α, fator de necrose tumoral-alfa, interleucina-10 (IL-10 e transforming growth factor-beta (TGF-β, fator transformador de crescimento-beta, pelo método ELISA, em sobrenadante de cultura de células mononucleares do sangue periférico e monócitos, assim como dos níveis de proteínas totais, albumina, globulinas, alfa-1-glicoproteína ácida (AGA, proteína C reativa (PCR e velocidade de hemossedimentação (VHS em 28 doentes com tuberculose pulmonar, em três tempos: antes (T0, aos três meses (T3 e aos seis meses (T6 de tratamento, em relação aos controles saudáveis, em um único tempo. RESULTADOS: Os pacientes apresentaram valores maiores de citocinas e RFA que os controles em T0, com diminuição em T3 e diminuição (TNF-α, IL-10, TGF-β, AGA e VHS ou normalização (IFN-γ e PCR em T6. CONCLUSÕES: PCR, AGA e VHS são possíveis marcadores para auxiliar no diagnóstico de tuberculose pulmonar e na indicação de tratamento de indivíduos com baciloscopia negativa; PCR (T0 > T3 > T6 = referência pode também ser marcador de resposta ao tratamento. Antes do tratamento, o perfil Th0 (IFN-γ, IL-10, TNF-α e TGF-β, indutor de e protetor contra inflamação, prevaleceu nos pacientes; em T6, prevaleceu o perfil Th2 (IL-10, TNF-α e TGF-β, protetor contra efeito nocivo pró-inflamatório do TNF-α ainda presente. O comportamento do IFN-γ (T0 > T3 > T6 = controle sugere sua utilização como marcador de resposta ao tratamento.OBJECTIVE: To evaluate the pattern of pro-inflammatory cytokines, anti-inflammatory cytokines and the acute phase response (APR as markers of the response to treatment of pulmonary tuberculosis. METHODS: Twenty-eight patients with pulmonary tuberculosis

  1. Antibodies to the atherosclerotic plaque components beta2-glycoprotein I and heat-shock proteins as risk factors for acute cerebral ischemia Anticorpos contra os componentes da placa aterosclerótica beta2-glicoproteína I e proteínas de choque térmico como fatores de risco para isquemia cerebral aguda

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Henrique Luiz Staub

    2003-09-01

    ês pacientes com isquemia cerebral aguda e 93 controles foram avaliados quanto a idade, sexo, raça, hipertensão arterial, tabagismo, cardiopatia prévia, diabete mellitus, hipercolesterolemia e história prévia de isquemia cerebral. lgG/lgM/lgA anticardiolipina (aCL e anti-beta2-gpl, assim como IgG contra Hsp humana de 60 kDa e Hsp de Mycobacterium bovis de 65 kDa foram detectados por imunoensaio. Odds ratios (OR ajustados foram calculados através de regressão logística. O OR ajustado para anticorpos lgA anti-beta2-gpl foi 4,6 (IC90% 1,5 a 14,3 p = 0,025. O OR não-ajustado para anticorpos IgG contra Hsp 60 foi 26,1. O OR ajustado para anticorpos IgG contra Hsp 65 foi 3,2 (IC90% 1,2 a 8,3; p = 0,044. O OR ajustado para IgG contra qualquer Hsp (60 ou 65 foi 4,8 (lC90% 1,9 a 12,1; p = 0,006. O estudo demonstra que níveis elevados de anticorpos IgA anti-beta2-gpl e lgG anti-Hsp 60/65 estão associados a risco de isquemia cerebral aguda. A associação ocorreu independentemente de outros fatores de risco. Esta resposta humoral pode conectar autoimunidade, trombofilia e aterosclerose em pacientes com isquemia cerebral.

  2. Bases moleculares de las leucemias agudas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    G. Martínez Antuña

    2006-04-01

    Full Text Available El gran desarrollo de la biología molecular en los últimos años ha contribuido a un importante avance en los conocimientos relacionados con las bases moleculares de las leucemias agudas (LA. Ademas de profundizar en la biología de estas enfermedades y conocer las bases moleculares, ha renido también gran impacto en mejorar el resultado de los tratamientos y disminuir la toxicidad de las terapias.

  3. Tolerância aguda e crônica de adultos de beta, Betta splendens, à salinidade da água Acute and chronic salinity tolerance in adult siamese fighting fish, Betta splendens

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Jener Alexandre Sampaio Zuanon

    2009-11-01

    Full Text Available Com o objetivo de avaliar a tolerância de Betta splendens à salinidade da água, realizou-se um experimento em delineamento inteiramente casualizado, com seis concentrações de sal na água (0; 3; 6; 9; 12 e 15 g de sal comum/L de água, cada uma com cinco repetições (1 peixe/repetição. Fêmeas adultas de Betta splendens foram alojadas individualmente em aquários mantidos em estufa incubadora, a 26 ± 0,2 ºC e fotoperíodo de 12 horas. Os peixes foram alimentados até a saciedade, uma vez ao dia, com ração comercial. Foram mensurados o consumo diário de ração e a sobrevivência dos peixes a cada 12 horas. Para avaliar o efeito agudo da salinidade, foram calculados o tempo médio de sobrevivência e a salinidade letal mediana-96 horas, enquanto o efeito crônico (18 dias foi avaliado pelo cálculo da salinidade máxima de sobrevivência e da salinidade letal mediana. O tempo médio de sobrevivência foi significativamente menor na salinidade de 15 g/L. A salinidade letal mediana-96 horas estimada foi de 11,88 g/L, a salinidade máxima de sobrevivência entre 6 e 7 g/L, e a salinidade letal mediana de 9,35 g/L. Observou-se interação significativa entre as salinidades da água e o tempo de alimentação. Considerando que é uma espécie de água doce, o beta possui alta tolerância à salinidade da água.Salinity tolerance of Betta splendens was evaluated in a complete randomized design, with six salt concentrations in the water (0; 3; 6; 9; 12 and 15 g common salt/L with five replications (1 fish/replication. Adult female B. splendens were individually placed in aquariums in an incubation chamber at 26 ± 0.2ºC and 12-hour photoperiod. Fish were fed to satiation, once a day, with commercial diet. Feed intake and survival rate were measured every 12 hours. To evaluate the effect of acute salinity, the mean survival time and median lethal salinity-96 h were calculated, while the chronic effect (18 days was assessed by calculating

  4. Gastroenterites e infecções respiratórias agudas em crianças menores de 5 anos, em área da região Sudeste do Brasil, 1986-1987: II - Diarréias

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Waldman Eliseu Alves

    1997-01-01

    Full Text Available INTRODUÇÃO: O declínio da morbi-mortalidade pelas gastroenterites é, em boa parte, responsável pela queda da mortalidade infantil e da mortalidade por doenças infecciosas nos países do terceiro mundo. Esse agravo ainda se destaca, nesses países, como importante problema de saúde pública, especialmente, entre os menores de 5 anos. OBJETIVOS: Descrever aspectos do comportamento das gastroenterites entre crianças menores de 5 anos, residentes em 5 bairros do Município de São Paulo. MATERIAL E MÉTODO: Estudou-se uma amostra probabilística (N = 468 de crianças menores de 5 anos, residentes em 5 áreas do Município de São Paulo, SP (Brasil, acompanhada durante um ano, por meio de entrevistas mensais. RESULTADOS: Durante o acompanhamento foram identificados 139 episódios de diarréia, com uma duração média de 5,5 dias, 10% dos casos prolongaram-se por 15 dias ou mais. Em 20% dos episódios havia ao menos outra pessoa na família com diarréia. A incidência foi de 2,78 casos por 100 crianças/mês, sendo mais elevada nos menores de 2 anos. Em 46,1% dos episódios de gastroenterite as crianças não demandaram assistência médica tendo sido tratadas pelas próprias mães, ou não receberam qualquer tratamento; em 51,8% dos episódios o atendimento foi feito em serviços de assistência primária à saúde e somente 2,1% dos casos necessitaram tratamento hospitalar. Nenhuma criança evoluiu para óbito. Entre as medidas terapêuticas mais utilizadas estão a reidratação oral (25,2% e a antibioticoterapia associada à reidratação oral (11,5%; em somente 2 casos foi feita reidratação endovenosa. Alguns fatores socioeconômicos e antecedentes pessoais mostraram-se associados à ocorrência de diarréias, entre eles, as condições da habitação, saneamento básico e renda familiar "per capita" e história pregressa de diarréias freqüentes. DISCUSSÃO: Os resultados obtidos parecem refletir a tendência de diminuição da

  5. Microlithiasis of the gallbladder: role of endoscopic ultrasonography in patients with idiopathic acute pancreatitis Microcolecistolitíase: papel da ecoendoscopia em pacientes com pancreatite aguda sem causa aparente

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    José Celso Ardengh

    2010-01-01

    colecistomicrolitíase (cálculos com até 3 mm. Não há, no momento, consenso quanto ao melhor método propedêutico para diagnosticá-lo e, entre os propostos, nenhum apresenta alta sensibilidade. A ecoendoscopia (EE é excelente no diagnóstico da pancreatite crônica incipiente e microcálculos da vesícula biliar (MCV ou colédoco. São poucas as referências na literatura internacional e nenhuma na nacional a respeito do emprego da EE na PA. O objetivo deste trabalho é o de estabelecer o valor da EE no diagnóstico da colecistomicrolitíase em doentes com PA sem causa aparente. MÉTODOS: Trinta e seis pacientes com o diagnóstico de PA sem causa aparente foram consecutivamente estudados durante cinco anos. Dos enviados para exame ecoendoscópico, 21 mulheres e 15 homens com média de idade de 41,6 anos. Todos haviam sido submetidos antes a pelo menos um US e uma TC, que não revelaram alterações na via bílio-pancreática e 63,9% deles tinham apresentado mais de um episódio de PA. O diagnóstico da colecistomicrolitíase pela EE realizada até uma semana durante o surto de PA baseou-se no tamanho do cálculo (até 3 mm, inclusive e hiperecogeneicidade com ou sem sombra acústica. Todos os doentes foram colecistectomizados, após o exame ecoendoscópico. RESULTADO: O exame das peças cirúrgicas mostrou que 27 (75% doentes apresentavam MCV e nove (25% não. A EE levou a erro no diagnóstico da microlitíase em seis (16,8% casos, quatro casos de falsos-positivos e dois casos de falsos-negativos. Em 30 casos (83,2% houve confirmação dos seus resultados. A sensibilidade, a especificidade, os valores preditivos positivo, negativo e a acurácia (com intervalo de confiança de 95% para a EE no diagnóstico dos MCV foram: 92,6% (74,2 a 98,7%, 55,6% (22,7 a 84,7%, 86,2% (67,4% a 95,5%, 71,4% (30,3 a 94,9% e 83,2% (66,5% a 93% respectivamente. CONCLUSÃO: A EE mostra-se, portanto, de grande valor na identificação da colecistomicrolitíase e a PA não deve ser considerada sem

  6. Acute spontaneous isolated dissection of abdominal aorta

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ali Akbar beigi

    2009-09-01

    Full Text Available

    • Aortic dissection occurs when the layers of the aorta separate as a result of extra luminal cavity of blood through an intimal tear. Dissection limited to the abdominal aorta is rare. Unfortunately, the appropriate management of dissecting aneurysm of abdominal aorta is not documented yet. A 43 years old man was admitted to Al-zahra hospital in Isfahan with sudden onset of periumbilical abdominal pain. CT scan confirmed infrarenal dissection of abdominal aorta. Performing laparotomy, aorta was repaired using bifurcate collagen-coated Dacron graft. Surgical intervention with synthetic graft is recommended in patients with dissecting aortic aneurysm of infrarenal segments where the extent of dissection is limited and accessible.
    • Keywords: Aneurysm, Aortic dissection, Aortic aneurysm abdominal surgery.

  7. Histological study on acute inflammatory reaction to polyurethane-coated silicone implants in rats Estudo histológico da reação inflamatória aguda ao implante de silicone revestido com poliuretano em ratos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Paulo Roberto da Silva Mendes

    2008-02-01

    Full Text Available PURPOSE: Evaluating histologically the silicone peri-implant coated by polyurethane inflammation associated to the use of anti-microbial and bacterial contamination. METHODS: It was used 35 Wistar rats. The animals were divided in seven groups: I - Control; II - implant cavity contamination with10 bacteria/ml; III - implant cavity contamination with 10 bacteria/ml; IV - implant cavity contamination with 10 bacteria/ml; V - identical contamination to group II and implant immersions in anti-microbial solution; VI - identical contamination in group III and implant immersions in the anti-microbial solution; VII - identical contamination of group IV and implant immersions in anti-microbial solution. It was evaluated morphometrically the peri-implant capsules after 30 days of introduction. RESULTS: The factors with more discriminating power were the giants cells of a strange body and the mononuclear. There was no correlation between the bacterial concentrations and the histological alterations. CONCLUSION: 1 The histological standard of the inflammatory reaction around the silicone implant coated with polyurethan is chronic granulomatosis type of a strange body; 2 There isn´t correlation between concentration of Staphylococcus epidermidis and histological changes; 3 The use of anti-microbial solution decreased the mononuclear cell reactions, with the increase of giant cells in a strange body.OBJETIVO: Avaliar, histologicamente, a reação inflamatória aos implantes de silicone revestidos por poliuretano, com contaminação bacteriana, associada ou não ao uso de antimicrobianos. MÉTODOS: Utilizou-se 35 ratos Wistar. Os animais foram divididos em 7 grupos: I- Controle, II- contaminação da cavidade do implante com 10¹ bactérias/ml, III- contaminação da cavidade do implante com 10³ bactérias/ml, IV- contaminação da cavidade do implante com 10(5 bactérias/ml, V- contaminação idêntica ao grupo II e imersão dos implantes em solu

  8. Síndrome coronariana aguda em paciente jovem com sintomas atípicos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Gustavo Daher

    2012-08-01

    Full Text Available O diagnóstico da dor torácica aguda no setor de emergência pode ser difícil e desafiador, incluindo diversos diagnósticos diferenciais, dentre eles: causas benignas a causas potencialmente fatais. O diagnóstico na maioria das vezesé estabelecido através do quadro clínico e de exames complementares como: marcadores de necrose miocárdica, eletrocardiograma e radiografia de tórax.A angiotomografia coronariana tem sido utilizada nos casos de dor torácica aguda com baixa ou intermediária probabilidade de síndrome coronariana aguda, permitindo sua exclusão e conseqüente alta precoce dos pacientes. Apresentamosrelato de caso de uma paciente jovem com dor precordial atípica e marcadores de necrose miocárdica discretamente elevados. Considerando-se a epidemiologia e o quadro clínico da paciente, foi feita hipótese diagnóstica inicial de miocardite. A angiotomografia cardíaca com pesquisa de realce tardiofoi solicitada. Apesar do escore de cálcio ter sido zero, foi diagnosticada lesão estenosante grave no terço médio da artéria coronária descendente anterior com realce tardio na parede anterior do ventrículo esquerdo, compatível comnecrose miocárdica. A paciente foi submetida a cateterismo com angioplastia da lesão.

  9. Análise da remodelação vascular na isquemia pulmonar experimental, nas fases aguda e crônica Analysis of acute and chronic vascular remodeling in an experimental model of pulmonary ischemia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Wanderley M. Bernardo

    2005-02-01

    Full Text Available INTRODUÇÃO: Alterações estruturais da circulação pulmonar traduzem processo de remodelação vascular e têm relação provável com variações locais de fluxo e isquemia. OBJETIVO: Definir as alterações histológicas na circulação pulmonar após obstrução experimental da artéria pulmonar. Correlacioná-las com os padrões de redistribuição sangüínea e remodelação vascular. MÉTODO: Foram submetidos à toracotomia esquerda 48 ratos Wistar, alocados aleatoriamente em dois grupos, com ligadura da artéria pulmonar e controle, e sacrificados com 1, 7, 30 e 60 dias. Nos pulmões retirados avaliou-se presença de sinais de injúria no parênquima e mensurou-se diâmetro externo e espessura da parede das arteríolas de bronquíolos terminais, respiratórios e alveolares. Diâmetro interno e porcentagem de espessura da parede foram calculados. RESULTADOS: Só ocorreu infarto, necrose e hemorragia no pulmão isquêmico. No não isquêmico houve aumento mantido dos diâmetros externo e interno das arteríolas, com redução inicial da espessura no 1º dia e valores semelhantes aos do grupo controle no 60º dia. No pulmão isquêmico houve redução transitória nos diâmetros externo e interno das arteríolas de bronquíolos terminais e respiratórios, com aumento, inicial e transitório, na sua espessura. As arteríolas alveolares apresentaram aumento do diâmetro externo e espessura da parede, com redução do diâmetro interno, mantida e progressiva. CONCLUSÃO: Este modelo reproduz arteriopatia distal em pacientes com tromboembolismo pulmonar crônico. A resposta vascular no pulmão não isquêmico é compatível com padrão de remodelação de hiperfluxo; a no pulmão isquêmico com hipofluxo e isquemia. Nas arteríolas de bronquíolos terminais e respiratórios a resposta foi transitória. Nas alveolares foi progressiva e mantida, pela provável ocorrência tardia de hiperfluxo local.BACKGROUND: Structural alterations to the

  10. Acetylcholinesterase enzyme activity in carp brain and muscle after acute exposure to diafuran Atividade da enzima acetilcolinesterase em cérebro e músculo de carpas após exposição aguda ao diafuran

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Jaqueline Ineu Golombieski

    2008-01-01

    idella, Valenciennes, 1844 e carpa cabeça grande (Aristichthys nobilis, Richardson, 1845 foram expostos ao diafuran, um inseticida utilizado na cultura do arroz no sul do Brasil. O objetivo deste estudo foi verificar a relação entre concentração letal mediana (CL50 do diafuran e a atividade da enzima acetilcolinesterase (AChE em cérebro e músculo dessas espécies, como um possível biomarcador inicial da exposição a este inseticida. A CL50 foi determinada com peixes expostos a concentrações de diafuran em 96 h: carpa húngara: controle; 0,5; 1,0; 1,5; 2,0; 2,5 e 3,0 mg L-1; carpa capim: controle; 1,0; 2,0; 3,0 e 3,5 mg L-1 e carpa cabeça grande: controle; 0,5; 1,0; 1,5; 2,0; 3,0 e 4,0 mg L-1, bem como a determinação da AChE em concentrações próximas da CL50 para essas espécies. Valores de CL50 (concentrações nominais foram de 1,81 mg L-1 para carpa húngara, 2,71 mg L-1 para carpa capim e 2,37 mg L-1 para carpa cabeça grande. Todas as carpas expostas ao diafuran estavam letárgicas (menores concentrações ou imóveis. Diafuran inibiu significativamente a atividade da AChE em cérebro (~38 % e músculo (~50 % de todas as espécies estudadas. Atividade da AChE em músculo para carpa cabeça grande foi mais alta que cérebro (14,44 contra 5,94 µmol min-1 g proteína-1, respectivamente. Este estudo demonstrou que concentrações de diafuran utilizadas na cultura do arroz podem afetar o comportamento de Cyprinus carpio, Ctenopharyngodon idella e Aristichthys nobilis, e a atividade da acetilcolinesterase cerebral e muscular pode ser um biomarcador inicial de toxicidade deste inseticida.

  11. Avaliação da adesão ao tratamento através de questionários: estudo prospectivo de 73 crianças portadoras de leucemia linfoblástica aguda Evaluation of compliance through specific interviews: a prospective study of 73 children with acute lymphoblastic leukemia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Benigna Maria de Oliveira

    2005-06-01

    Full Text Available OBJETIVO: Avaliar a adesão ao tratamento em crianças com leucemia linfoblástica aguda. MÉTODO: A adesão foi avaliada através de questionários específicos. RESULTADOS: Foram estudados 73 pacientes com idade inferior a 18 anos que atingiram a fase de manutenção da quimioterapia. A mãe foi a informante em 81% das entrevistas; 92% dos informantes entendiam bem as orientações médicas. Em 27% dos casos, houve falha na adesão ao tratamento quando considerada a não-administração da droga sem orientação médica por ao menos duas vezes durante a fase de manutenção; em 16% dos casos, constatou-se falha quando considerada a não-administração da droga por três vezes ou mais. O principal motivo para a não-administração foi "esquecimento". Em 10 casos, a dose informada não correspondia à prescrita. Não se observou associação entre falhas na adesão e escolaridade do responsável, número de membros da família, ou renda familiar per capita. A probabilidade estimada de sobrevida livre de eventos para todo o grupo aos 8,5 anos foi de 72,4% (IC 95%: 59,2-82,3. Não foi observada diferença na sobrevida livre de eventos quando comparados os grupos com falhas na adesão com o grupo sem falhas. CONCLUSÃO: Esses resultados apontam a necessidade de elaboração de programas e intervenções urgentes que proponham uma abordagem mais ampla do problema da não-adesão ao tratamento.OBJECTIVE: To evaluate compliance in children with acute lymphoblastic leukemia. METHOD: Compliance was assessed through specific interviews. RESULTS: A total of 73 patients, aged under 18 and who had concluded the maintenance phase of chemotherapy, were enrolled on the study. Eighty-one per cent of the interviews were conducted with the patients' mothers; 92% of the families stated that medical instructions had been understood well. Interviews indicated that 27% of the patients did not receive their medication twice or more during the maintenance phase

  12. Asma aguda em adultos na sala de emergência: o manejo clínico na primeira hora

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    DALCIN PAULO DE TARSO ROTH

    2000-01-01

    Full Text Available Asma é doença com alta prevalência em nosso meio e ao redor do mundo. Embora novas opções terapêuticas tenham sido recentemente desenvolvidas, parece haver aumento mundial na sua morbidade e mortalidade. Em muitas instituições, as exacerbações asmáticas ainda constituem emergência médica muito comum. As evidências têm demonstrado que a primeira hora no manejo da asma aguda na sala de emergência concentra decisões cruciais que podem determinar o desfecho desta situação clínica. Nesta revisão não-sistemática, os autores enfocaram a primeira hora da avaliação e tratamento do paciente com asma aguda na sala de emergência, descrevendo uma estratégia apropriada para o seu manejo. São consideradas as seguintes etapas: diagnóstico, avaliação da gravidade, tratamento farmacológico, avaliação das complicações e decisão sobre onde se realizará o tratamento adicional. Espera-se que estas recomendações contribuam para que o médico clínico tome a decisão apropriada na primeira hora do manejo da asma aguda.

  13. Efeito da associação entre laserterapia e farmacoterapia no modelo de inflamação aguda do tendão induzida por colagenase em ratos

    OpenAIRE

    Faria, Raquel Santos de

    2014-01-01

    As tendinopatias são alterações na saúde do tendão, geralmente frequentes e difíceis de serem tratadas, com uma variedade de terapias e tratamentos e o mais utilizado é o farmacológico para o alívio da dor com resultados pouco satisfatórios devido aos seus efeitos indesejáveis no uso prolongado. A busca de novas terapias não farmacológicas no tratamento destas doenças bem como o entendimento das associações entre terapia farmacológica e não farmacológica assume papel de destaque na área médic...

  14. Sickle cell disease: acute clinical manifestations in early childhood and molecular characteristics in a group of children in Rio de Janeiro Manifestações clínicas agudas na primeira e segunda infâncias e características moleculares da doença falciforme em um grupo de crianças do Rio de Janeiro

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Isaac Lima da Silva Filho

    2012-01-01

    infância. Foram avaliados: crises dolorosas (CD, de sequestro esplênico (SE e hemolítica (CH, síndromes mão-pé (SMP e torácica aguda (STA e infecções. RESULTADOS: Os eventos foram mais frequentes na primeira infância; 94% das crianças apresentaram ao menos um episódio. Infecção foi o evento mais frequente, acometendo 88,5% das crianças, SE ocorreu mais na primeira infância, enquanto CD e STA mais na segunda. A Tal alfa 3.7 foi observada em 20,9% dos casos. O haplótipo mais frequente foi o Bantu (73,7%, seguido de Benin (23,0%. Não foi observada associação entre eventos clínicos e haplótipos da globina. Crianças com AF e Tal apresentaram menos eventos infecciosos. Não foi possível associar os polimorfismos com a expressão clínica, porém, a maioria das crianças Bantu/Bantu e sem Tal apresentou mais eventos clínicos.

  15. Intoxicación aguda por plaguicidas

    OpenAIRE

    Durán-Nah Jaime Jesús; Collí-Quintal Julián

    2000-01-01

    OBJETIVO: Describir la epidemiología de la intoxicación aguda por plaguicidas (IAP) en el Hospital General O'Horán de Mérida, Yucatán, México. MATERIAL Y MÉTODOS: Se revisaron los expedientes de 33 pacientes superscript three 13 años, tratados en una unidad de cuidados intensivos (UCI), entre 1994 y 1998. Se recopilaron variables demográficas y clínicas relevantes, y se aplicó estadística descriptiva. RESULTADOS: En la población estudiada predominó el sexo masculino (82%) del medio rural (70%...

  16. Bronquiolite aguda, uma revisão atualizada

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Werther Brunow de Carvalho

    Full Text Available A bronquiolite aguda (BA é um diagnóstico freqüente de internação hospitalar em pediatria, ocasionada principalmente pelo vírus sincicial respiratório (VSR. Ocorre epidemicamente nos meses de outono e inverno. Algumas populações de crianças (recém-nascidos pré-termo, cardiopatia congênita, doença pulmonar crônica, imunocomprometidos, desnutridos, entre outros apresentam maior risco de morbidade e mortalidade. Os vírus multiplicam-se nas células epiteliais ciliadas, e a inflamação e os debris celulares ocasionam obstrução da via aérea, hiperinsuflação, atelectasia localizada, chiado e alterações das trocas gasosas. Não existem evidências definitivas em relação aos tratamentos utilizados para esta doença. O tratamento inclui a utilização de oxigênio, hidratação, beta-2 agonistas por via inalatória, epinefrina racêmica, DNase recombinante, fisioterapia respiratória, entre outros. Medidas profiláticas: administração de anticorpos monoclonais (palivizumab. A maioria das crianças com BA, independentemente da gravidade da doença, recuperam-se sem seqüelas. O curso natural desta doença, habitualmente, varia entre sete a dez dias, mas algumas crianças permanecem doentes por semanas.

  17. Subtipos moleculares de PML/RARα en pacientes con leucemia promielocítica aguda

    OpenAIRE

    2013-01-01

    El objetivo fue describir la frecuencia de los subtipos moleculares de PML/RARα en pacientes con leucemia promielocítica aguda (LPA) y su distribución según grupo de riesgo de recaída y citomorfología. Se realizó una serie de casos que incluyó a cincuenta pacientes registrados en el Instituto Nacional de Enfermedades Neoplásicas (INEN), durante el periodo 2010-2012, con diagnóstico molecular de LPA PML/RARα y subtipos bcr1, bcr2 y bcr3 por reacción en cadena de la polimerasa con transcriptasa...

  18. Rangelia vitalii: changes in the enzymes ALT, CK and AST during the acute phase of experimental infection in dogs Rangelia vitalii: mudanças nas enzimas ALT, CK e AST na fase aguda da infecção experimental em cães

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Márcio Machado Costa

    2012-09-01

    Full Text Available Rangelia vitalii is a protozoon that causes diseases in dogs, and anemia is the most common laboratory finding. However, few studies on the biochemical changes in dogs infected with this protozoon exist. Thus, this study aimed to investigate the biochemical changes in dogs experimentally infected with R. vitalii, during the acute phase of the infection. For this study, 12 female dogs (aged 6-12 months and weighing between 4 and 7 kg were used, divided in two groups. Group A was composed of healthy dogs (n = 5; and group B consisted of infected animals (n = 7. Blood samples were collected on days 0, 10, 20 and 30 after infection, using tubes without anticoagulant to obtain serum and analyze the biochemical parameters. An increase in alanine aminotransferase (ALT on day 20 (P Rangelia vitalii é um protozoário que causa doença em cães, sendo a anemia o achado laboratorial mais frequente. No entanto, existem poucos estudos sobre as alterações bioquímicas em cães infectados com o protozoário. Assim, este estudo tem como objetivo investigar as alterações bioquímicas de cães experimentalmente infectados com R. vitalii na fase aguda da infecção. Para o estudo, foram utilizados 12 cães fêmeas (com idade entre 6 a 12 meses e peso entre 4 a 7 kg, divididos em dois grupos. O grupo A (n = 5 foi composto de animais saudáveis e o grupo B (n = 7 de animais infectados. Amostras de sangue foram coletadas nos dias zero, dez, vinte e trinta PI, utilizando tubos sem anticoagulante para obtenção de soro e análise dos parâmetros bioquímicos. Foi observado um aumento na alanino aminotransferase (ALT no dia 20 PI (P < 0,05 e aumento na creatinoquinase (CK e aspartato aminotransferase (AST em todo o período experimental (P < 0,05. Não foram observadas alterações séricas na gama-glutamiltransferase, uréia e creatinina. Portanto, é possível concluir que a infecção experimental por R. vitalii causa alterações no perfil bioquímico, com

  19. Bandagem reversível do tronco pulmonar IV: análise da hipertrofia aguda do ventrículo direito em modelo experimental de sobrecarga intermitente IV Pulmonary trunk reversible banding: analysis of right ventricle acute hypertrophy in an intermittent loading experimental model

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Acrisio Sales Valente

    2008-03-01

    Full Text Available OBJETIVO: A bandagem ajustável do tronco pulmonar (TP pode proporcionar treinamento ventricular mais fisiológico para cirurgia de Jatene em dois estágios. Este estudo experimental analisa a hipertrofia aguda (96 horas do ventrículo direito (VD submetido à sobrecarga sistólica intermitente. MÉTODOS: Cinco grupos de sete cabritos jovens foram dispostos conforme o tempo de sobrecarga sistólica do VD (0, 24, 48, 72 e 96 horas. O grupo zero hora funcionou como grupo controle. Avaliações ecocardiográficas e hemodinâmicas foram feitas diariamente. Os animais foram sacrificados para avaliação do conteúdo de água e pesagem das massas cardíacas. RESULTADOS: Houve aumento da espessura do VD a partir de 48 horas de treinamento (pOBJECTIVES: Adjustable pulmonary trunk (PT banding device may induce a more physiologic ventricle retraining for the two-stage Jatene operation. This experimental study evaluates the acute hypertrophy (96 hours of the right ventricle (RV submitted to an intermittent pressure overload. METHODS: Five groups of seven young goats were distributed according to RV intermittent systolic overload duration (0, 24, 48, 72 and 96 hours. The zero-hour group served as a control group. Echocardiographic and hemodynamic evaluations were performed daily. After completing the training program for each group, the animals were sacrificed for water content and cardiac masses evaluation. RESULTS: There was a significant increase in RV free wall thickness starting with the 48-hour group (p<0.05. However, a decreased RV ejection fraction, associated with an important RV dilation and a significant increase in the RV volume to mass ratio was observed at 24-hour training period, when compared to 96-hour period (p=0.003, with subsequent recovery throughout the protocol. A 104.7% increase in RV mass was observed in the 96-hour group, as compared to the control group, with no differences in water content between these two groups. The daily mean

  20. Osteomielitis hematogénica aguda en Pediatría: análisis de casos atendidos en hospital universitario

    OpenAIRE

    Pedro Fiorini Puccini; Maria Aparecida G. Ferrarini; Antônio Vladir Iazzetti

    2012-01-01

    OBJETIVO: Descrever a ocorrência, a evolução e o desfecho de pacientes com osteomielite hematogênica aguda na faixa etária pediátrica. MÉTODOS: Estudo descritivo de 21 casos de pacientes de zero a 14 anos com diagnóstico de osteomielite hematogênica aguda, em acompanhamento no Ambulatório de Infectologia Pediátrica da Escola Paulista de Medicina entre 2005 e 2009. A coleta de dados ocorreu pelo levantamento de prontuários. Realizaram-se a análise descritiva e o teste de correlação de Spearman...

  1. Human Aorta Is a Passive Pump

    Science.gov (United States)

    Pahlevan, Niema; Gharib, Morteza

    2012-11-01

    Impedance pump is a simple valveless pumping mechanism that operates based on the principles of wave propagation and reflection. It has been shown in a zebrafish that a similar mechanism is responsible for the pumping action in the embryonic heart during early stages before valve formation. Recent studies suggest that the cardiovascular system is designed to take advantage of wave propagation and reflection phenomena in the arterial network. Our aim in this study was to examine if the human aorta is a passive pump working like an impedance pump. A hydraulic model with different compliant models of artificial aorta was used for series of in-vitro experiments. The hydraulic model includes a piston pump that generates the waves. Our result indicates that wave propagation and reflection can create pumping mechanism in a compliant aorta. Similar to an impedance pump, the net flow and the flow direction depends on the frequency of the waves, compliance of the aorta, and the piston stroke.

  2. Multiple tuberculous aneurysms of the aorta.

    Science.gov (United States)

    Pierret, Charles; Tourtier, Jean-Pierre; Grand, Bertrand; Boddaert, Guillaume; Laurian, Claude; de Kerangal, Xavier

    2011-06-01

    Tuberculous aneurysms of the aorta are quite rare, but are exceptional when found in multiple locations. We report the case of multiple tuberculous aortic aneurysms of the thoracic and abdominal aorta in a 19-year-old female discovered when she consulted for thrombocytopenic purpura. The treatment for both locations included prolonged antituberculous therapy and surgical resection with cryopreserved aortic allograft patch for the reconstruction.

  3. Tratamiento endovascular de la aorta torácica descendente. Tratamiento endovascular de la aorta torácica descendente.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Hernán G. Bertoni

    2007-01-01

    Full Text Available ObjetivoEl propósito de esta publicación es comunicar nuestros resultados inmediatos y a mediano plazo del tratamiento endovascular de la aorta torácica descendente mediante implante de endoprótesis.Material y métodosEntre agosto de 1999 y agosto de 2006, 74 pacientes consecutivos, 53 hombres y 21 mujeres, fueron tratados por vía endovascular con implante de una prótesis autoexpandible. La edad media fue de 60 ± 14,8 años. Las indicaciones para tratamiento fueron disección aguda (n = 8; 11%, disección crónica (n = 31; 42%, hematoma intramural (n = 5; 7%, aneurisma verdadero (n = 17; 23%, úlcerapenetrante (n = 4; 5% y seudoaneurisma traumático (n = 9; 12%.ResultadosEl implante del dispositivo fue exitoso en 73 (98,6% pacientes; no se requirió conversión quirúrgica en ninguno de ellos. Ningún paciente presentó paraplejía o déficit neurológico. La mortalidad a los 30 días fue del 8,1% (n = 6. La mediana de seguimiento fue de 33,5 meses (rango 1-79 y la sobrevida global fue del 84% (IC 69-92% y del 91% (IC 77-97%, según se incluyese o no la mortalidad temprana. El 93% (IC 84-97% de los pacientes estaban libres de complicaciones relacionadas con el procedimiento. La mayoría de las complicaciones ocurrieron durante el primer año de seguimiento.ConclusionesEl tratamiento endovascular de la aorta torácica descendente con implante de endoprótesis autoexpandible es factible y seguro. La baja incidencia de eventos en relación con las series quirúrgicas publicadas hace que este procedimiento sea de elección en pacientes seleccionados.

  4. Preconditioning with L-alanyl-L-glutamine in a Mongolian Gerbil model of acute cerebral ischemia/reperfusion injury Pré-condicionamento com L-alanil-L-glutamina em modelo de isquemia/reperfusão cerebral aguda em Gerbils da Mongólia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Vilma Leite de Sousa Pires

    2011-01-01

    Full Text Available PURPOSE: To investigate the effect of L-alanyl-L-glutamine (L-Ala-Gln preconditioning in an acute cerebral ischemia/reperfusion (I/R model in gerbils. METHODS: Thirty-six Mongolian gerbils (Meriones unguiculatus, (60-100g, were randomized in 2 groups (n=18 and preconditioned with saline 2.0 ml (Group-S or 0.75g/Kg of L-Ala-Gln, (Group-G administered into the femoral vein 30 minutes prior to I/R. Each group was divided into three subgroups (n=6. Anesthetized animals (urethane, 1.5g/Kg, i.p. were submitted to bilateral occlusion of common carotid arteries during 15 minutes. Samples (brain tissue and arterial blood were collected at the end of ischemia (T0 and after 30 (T30 and 60 minutes (T60 for glucose, lactate, myeloperoxidase (MPO, thiobarbituric acid reactive substances (TBARS, glutathione (GSH assays and histopathological evaluation. RESULTS: Glucose and lactate levels were not different in studied groups. However glycemia increased significantly in saline groups at the end of the reperfusion period. TBARS levels were significantly different, comparing treated (Group-G and control group after 30 minutes of reperfusion (pOBJETIVO: Investigar o efeito do pré-condicionamento com L-alanil-L-glutamina (L-Ala-Gln em gerbils submetidos à isquemia/reperfusão (I/R cerebral aguda. MÉTODOS: Trinta e seis gerbils (Meriones unguiculatus (60-100g foram divididos em dois grupos (n=18 e pré-condicionados com 2,0 ml de soro fisiológico (Grupo-S ou 0.75g/kg de L-Ala-Gln, (Grupo-G, administrados na veia femoral 30 minutos antes da I / R. Cada grupo foi dividido em três subgrupos (n=6.Animais anestesiados com uretano, 1.5g/kg, ip, foram submetidos à oclusão bilateral das artérias carótidas comuns, durante 15 minutos. Amostras (tecido cerebral e sangue arterial foram coletadas no final da isquemia (T0 e após 30 (T30 e 60 minutos (T60 para a aferição das concentrações de glicose, lactato, mieloperoxidase (MPO, substâncias reagentes ao

  5. Diagnósticos de enfermagem em adultos com leucemia mielóide aguda

    OpenAIRE

    Souza, Luccas Melo de; Gorini, Maria Isabel Pinto Coelho

    2006-01-01

    Trata-se de um estudo de casos, que objetivou identificar os Diagnósticos de Enfermagem (DE) de pacientes adultos com Leucemia Mielóide Aguda, a fim de fornecer subsídios à Sistematização da Assistência de Enfermagem. Utilizaram-se as técnicas de entrevista e observação, além da aplicação do Processo de Enfermagem. Durantes os três meses da coleta de dados, outros DEs foram encontrados através de novas buscas nos prontuários dos 6 pacientes. Os 32 DEs encontrados foram agrupados conforme a Te...

  6. Linfonodo pulmonar na paracoccidioidomicose aguda infantil (relato de um caso

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Evanil Pires de Campos

    1992-09-01

    Full Text Available Observou-se a evolução de um linfonodo pulmonar na paracoccidioidomicose (PCM aguda infantil. Doente, masculino, 6 anos, branco, natural de Curitiba (PR, procedente de Guaratinguetá (SP, que há 3 meses desenvolveu quadro gripal, febre diária, bimodal, prolongada, precedida de calafrio, acompanhada de sudorese inodora, cefaléia frontal e anorexia. Diagnosticado e tratado como pneumonia por cinco dias, sem melhora do quadro. Há 2 meses, apresentou dor óssea nos braços e articulações do pé, com edema inflamatório e emagrecimento de 6 kg em 3 meses. Exame físico revelou: peso 20 kg; estatura 120 cm; P. A. 90/60 mmHg; facies atípica, hipoativo, palidez cutâneo-mucosa (+ +, hipotrofia muscular, adenopatiageneralizada, sopro sistólico suave em foco aórtico acessório e hepatesplenomegalia. Imunodifusão com exoantígeno glicoprotéico 43 kdpositiva (1/32. A biópsia de gânglio revelou Paracoccidioides brasiliensis. A radiologia demonstrou na primeira consulta, discreto infiltrado intersticial bilateral com linfoadenomegaliapara-hilar que desaparecu em 30 dias. Observou- se, ainda, massa tumoral mediastínica superior, hiperplasia do sistema fagocítico mononuclear e lesões osteolíticas nos 60 dias iniciais da evolução.

  7. Impacto do uso da prova rápida para estreptococo beta-hemolítico do grupo A no diagnóstico e tratamento da faringotonsilite aguda em pronto-socorro de Pediatria Impacto del uso de la prueba rápida para estreptococos beta-hemolíticos del grupo A en el diagnóstico y tratamiento de la faringotonsilitis en emergencia de Pediatría Impact of the rapid antigen detection test in diagnosis and treatment of acute pharyngotonsillitis in a Pediatric emergency room

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Débora Morais Cardoso

    2013-03-01

    Full Text Available OBJETIVO: Avaliar o impacto da realização rotineira da prova rápida para pesquisa de estreptococo do grupo A no diagnóstico e tratamento da faringotonsilite aguda em crianças. MÉTODOS: Estudo prospectivo e observacional que contou com a utilização de protocolo de pesquisa estabelecido na Unidade de Emergência do Hospital Universitário da Universidade de São Paulo para o atendimento de crianças e adolescentes com faringotonsilite aguda. RESULTADOS: Com base na avaliação clínica, dos 650 pacientes estudados, antimicrobianos seriam prescritos para 389 indivíduos (59,8% e, com o uso da pesquisa de estreptococo do grupo A, foram prescritos em 286 pacientes (44,0%. Das 261 crianças que não receberiam antibiótico pelo quadro clínico, 111 (42,5% tiveram pesquisa de estreptococo do grupo A positiva. O diagnóstico baseado no quadro clínico apresentou sensibilidade de 61,1%, especificidade de 47,7%, valor preditivo positivo de 44,9% e valor preditivo negativo de 57,5%. CONCLUSÕES: O diagnóstico clínico da faringotonsilite estreptocócica mostrou baixa sensibilidade e especificidade. O uso rotineiro da prova rápida para pesquisa de estreptococo permitiu a redução do uso de antibióticos e a identificação de um grupo de risco para as complicações da infecção estreptocócica, pois 42,5% dos pacientes com prova rápida positiva não receberiam antibióticos, se levado em consideração apenas o diagnóstico clínico.OBJETIVO: Evaluar el impacto de la realización de rutina de la prueba rápida para investigación de estreptococos del grupo A en el diagnóstico y tratamiento de la faringotonsilitis aguda en niños. MÉTODOS: Estudio prospectivo y observacional que contó con el uso de protocolo de investigación establecido en la Unidad de Emergencia del Hospital Universitario de la USP para la atención a niños y adolescentes con faringotonsilitis aguda. RESULTADOS: Con base en la evaluación crítica, de los 650 pacientes

  8. Influência da suplementação aguda e crônica de creatina sobre as concentrações sanguíneas de glicose e lactato de ratos Wistar Influencia de la suplementación aguda y crónica de creatina sobre las concentraciones sanguíneas de glicosis y lactato en ratones Wistar Influence of the short and long term supplementation of creatine on the plasmatic concentrations of glucose and lactate in Wistar rats

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Renato Aparecido Souza

    2006-12-01

    Full Text Available Estudos recentes sugerem que a suplementação de creatina pode interferir com a captação de glicose e a produção de lactato durante a atividade física. O objetivo deste estudo foi investigar os efeitos da suplementação aguda (5g.kg¹ durante uma semana e crônica (1g.kg¹ durante oito semanas de creatina sobre as concentrações sanguíneas de glicose e lactato de ratos sedentários e exercitados (natação a 80% da carga máxima tolerada. Setenta e dois ratos Wistar machos (240 ± 10g foram utilizados e divididos igualmente em quatro grupos experimentais (n = 18: CON - ratos sedentários não suplementados; NAT - ratos exercitados não suplementados; CRE - ratos sedentários e suplementados; CRE + NAT - ratos exercitados e suplementados. As amostras sanguíneas foram obtidas antes e após o teste de determinação da carga máxima realizado semanalmente durante todo o experimento. Antes do teste de carga máxima, com exceção do grupo CRE-NAT (3-5 semanas, que apresentou concentrações plasmáticas de glicose inferiores em relação os demais grupos, todos os outros resultados foram semelhantes entre os grupos experimentais. Após o teste de carga máxima todos os grupos experimentais apresentaram redução das concentrações plasmáticas de glicose e aumento das concentrações plasmáticas de lactato. Contudo, em relação à glicose, esta redução foi significativamente (p Estudios recientes sugieren que la suplementación de creatina puede interferir con la captación de glicosis y la producción de lactato durante la actividad física. El objetivo de este estudio ha sido el de investigar los efectos de la suplementación aguda (5g.kg¹ durante 1 semana y crónica (1g.kg¹ durante 8 semanas de creatina sobre las concentraciones sanguíneas de glicosis y lactato en ratones sedentarios y ejercitados (natación a 80% de carga máxima tolerada. Setenta y dos ratones Wistar machos (240 ± 10g fueron utilizados y divididos igualmente

  9. Un test per la faringits aguda

    OpenAIRE

    Madurell, Jordi

    2013-01-01

    La faringitis aguda és una de les raons més freqüents de consulta del metge d’atenció primària i en la major part dels casos es prescriu un antibiòtic. Ara bé, segons l'evidència científica només han de ser tractats amb antibiòtics aquells episodis de faringitis causats per un bacteri determinat, l'estreptococ β-hemolític del grup A (EBHGA). Segons sembla, només un 10-30% dels episodis aguts en nens i 10-15% dels casos en adults són causats per EBHGA. Aquesta tesi, presentada al Departament d...

  10. Tratamento endovascular do aneurisma da aorta abdominal infrarrenal em pacientes com anatomia favorável para o procedimento: experiência inicial em um serviço universitário Endovascular treatment of infrarenal abdominal aortic aneurysm in patients with favorable anatomy for the repair: initial experience in a university hospital

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    José Manoel da Silva Silvestre

    2011-03-01

    Full Text Available CONTEXTO: Desde sua introdução, em 1991, o reparo endovascular do aneurisma da aorta abdominal infrarrenal tem se tornado uma alternativa atraente para o tratamento dessa doença. Avaliar nossos resultados iniciais quanto à segurança e eficácia dessa técnica nos levou à realização deste estudo. OBJETIVOS: Analisar a mortalidade perioperatória, a sobrevida tardia, as reoperações, as taxas de perviedade e o comportamento do saco aneurismático em pacientes com anatomia favorável para a realização do procedimento. MÉTODOS: Trata-se de um estudo longitudinal, observacional e retrospectivo realizado entre outubro de 2004 e janeiro de 2009 com 41 pacientes que foram submetidos à correção endovascular do aneurisma de aorta abdominal infrarrenal por apresentarem anatomia favorável para o procedimento. Foram analisados os achados dos exames diagnósticos, o tratamento e o seguimento em todos os pacientes. RESULTADOS: Foram implantadas, com sucesso, 31 (75,6% próteses bifurcadas e 10 (24,5% monoilíacas, de 5 diferentes marcas. O diâmetro médio dos aneurismas fusiformes era de 62 mm. A mortalidade perioperatória foi de 4,8% e a sobrevida tardia, 90,2%. Durante o acompanhamento médio de 30 meses, 2 (4,8% pacientes necessitaram de reintervenção, um por migração da endoprótese e outro por vazamento tipo II. Dois (4,8% pacientes apresentaram oclusão de ramo da prótese. Oito (19,5% vazamentos foram diagnosticados e não houve nenhuma rotura dos aneurismas. CONCLUSÃO: Apesar do pequeno número de pacientes, os resultados observados parecem justificar a realização do procedimento endovascular nos pacientes com anatomia favorável.BACKGROUND: Since its introduction in 1991, endovascular repair of infrarenal aortic aneurysms has become an attractive option to treat this disease. The evaluation of our initial results about safety and efficacy of this technique has led us to carry out this study. OBJECTIVES: To analyze

  11. Retinopatia de Purtscher-like e pancreatite aguda Purtscher-like retinopathy and acute pancreatitis

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Kelly Fernandes de Paula Rodrigues

    2008-04-01

    Full Text Available Retinopatia de Purtscher-like é uma baixa súbita da visão associada à imagem de múltiplas áreas branco-amareladas (manchas algodonosas e hemorragias no pólo posterior de ambos os olhos. O exato mecanismo da injúria ainda não é claro, mas provavelmente seria de natureza embólica.Tem sido descrita em uma variedade de condições, incluindo pancreatite aguda, síndrome de embolia gordurosa, insuficiência renal, nascimento (parto e pós-parto, desordens do tecido conectivo, entre outras. Serão relatados três casos de pancreatite aguda confirmada pelos exames laboratoriais e história clínica, associadas a alterações no exame do fundo de olho, compatíveis com esta retinopatia.Purtscher-like retinopathy is acute loss of vision associated image of the multiple areas of retinal whitening and hemorrhage in the posterior pole of both eyes. The exact mechanism of injury remains unclear, current evidence suggests that it is embolic in nature. In a variety of conditions are been described including acute pancreatitis, fat embolism syndrome, renal failure, childbirth, and connective tissue disorders. Will are related three cases of the acute pancreatitis which was confirmed by complementary laboratory studies and clinical history, associated from exam of the fundus of the eye, similar is this retinopathy.

  12. Importância da ventilação pulmonar no transporte de 0(2 e equilíbrio ácido-base após desclampeamento intermitente de aorta na revascularização cirúrgica do miocárdio: desclamping in coronary artery bypass graft Importance of lung ventilation on oxygen transport and acid-base balance after intermittent aortic cross

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marilde de Albuquerque Piccioni

    1991-12-01

    Full Text Available Na revascularização cirúrgica do miocárdio, empregando-se a técnica de pinçamento intermitente de aorta, após o desclampeamento e a recuperação dos batimentos cardíacos, surgiu a polêmica da necessidade da ventilação pulmonar na prevenção de hipoxemia. O objetivo deste trabalho foi analisar a importância da ventilação pulmonar no transporte de oxigênio e equilíbrio ácido-base do sangue que irá perfundir o miocárdio após desclampeamento de aorta e recuperação dos batimentos cardíacos. Foram estudados dez pacientes submetidos a revascularização cirúrgica do miocárdio, empregando-se a técnica de pinçamento intermitente de aorta com hipotermia moderada (± 32ºC. Em cinco pacientes (Grupo I, após o 1º desclampeamento de aorta, a ventilação pulmonar foi realizada simultaneamente à recuperação dos batimentos cardíacos. Nos outros cinco pacientes (Grupo II não se realizou a ventilação pulmonar. Foram analisados (Saturação de O2, PO2, PCO2 e pH do sangue do átrio direito (AD, tronco pulmonar (AP, átrio esquerdo (AE, aorta (Ao, artéria radial (art. radial e circuito da circulação extracorpórea (CEC (arterial [art. CEC] e venoso [ven. CEC], comparando-se os dois grupos. Não houve diferença estatisticamente nos valores de saturação de 02 em ambos os grupos. No Grupo I, os valores do PO2 aumentaram significativamente. Houve aumento significante da PO2 no Grupo II, contribuindo para redução significante de pH neste grupo. Os autores concluem que, embora não tenha ocorrido hipoxemia, a acidose respiratória observada no Grupo II permite recomendar a ventilação pulmonar ao utilizar-se do pinçamento intermitente de aorta como forma de proteção miócardica, pois sabese dos efeitos deletérios do aumento da concentração de íons hidrogênio ([H+] na função contrátil do miocárdio.In coronary artery bypass graft employing the surgical technique of intermittent aortic cross-clamping appeared the

  13. The intestinal tract as the major source of interleukin 6 production during abdominal aortic clamping and hind limb ischaemia-reperfusion injury O trato intestinal como a principal fonte na producao de interleucina 6 durante clampeamento da aorta abdominal e lesão de isquemia/rererfusão de membros inferiores

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Márcio Benedito Palma Pimenta

    2007-01-01

    Full Text Available PURPOSE: The aim of this study was to investigate whether the hind limbs or intestinal tract is the most important initiator of the inflammatory response secondary aortic clamping and hind limb ischemia/reperfusion injury. METHODS: Blood samples of Wistar rats obtained from posterior cava vein, portal vein, and heart cavity during either laparotomy (control group, n=8 or laparotomy + 2 h of aortic clamping and bilateral hind limb ischemia (ischemia group, n=8, or 2 h after ischemia and 2 h of reperfusion (ischemia-reperfusion group, n=8 were assayed for interleukin 6 (IL-6 and C-reactive protein (CRP. RESULTS: Serum IL-6 at the heart (223.6±197.9 [10-832] pg/mL was higher (pOBJETIVO: Investigar qual o principal mediador da resposta inflamatória na lesao de isquemia/reperfusão após clampeamento da aorta abdominal e isquemia dos membros inferiores: o intestine ou as extremidades inferiores. MÉTODOS: amostra de sangue de ratos Wistar coletados da cava posterior, porta e cavidade cardíaca during tanto laparotomia (grupo controle n=8 ou laparotomia + 2 horas de clampeamento aórtico e isquemia bilateral de membros posteriores (grupo isquemia n=8, ou 2 h de isquemia seguido por 2 horas de reperfusão (grupo isquemia/reperfusão n=8, onde foram dosados interleucina 6 e proteína C-reativa. RESULTADOS: Il-6 no coração (223.6±197.9 [10-832] pg/mL foi maior (p<0.001 tanto na veia porta (133.08±108.52 [4-372] pg/mL quanto na veia cava posterior (127.58±109.15 [8-388] pg/mL. PCR não foi significativamente diferente entre os grupos. CONCLUSÃO: o trato intestinal foi responsável pela resposta inflamatória secundária a lesão de isquemia/reperfusão.

  14. Digital subtraction angiography of the thoracic aorta

    Energy Technology Data Exchange (ETDEWEB)

    Grossman, L.B.; Buonocore, E.; Modic, M.T.; Meaney, T.F.

    1984-02-01

    Forty-three patients with acquired and congenital abnormalities of the thoracic aorta were studied using digital subtraction angiography (DSA) after an intravenous bolus injection of 40 ml of contrast material. Abnormalities studied included coarctation, pseudocoarctation, Marfan syndrome, cervical aorta, double aortic arch, aneurysm, dissection, and tumor. Twenty-four patients also had conventional angiography. DSA was accurate in 95% of cases; in the other 5%, involving patients with acute type I dissection, the coronary arteries could not be seen. The authors concluded that in 92% of their patients, DSA could have replaced the standard aortogram.

  15. Pseudoprominent aorta: Radiographic findings and CT correlation

    Energy Technology Data Exchange (ETDEWEB)

    Brown, K.T.; Shepard, J.A.O.; Stewart, W.J.

    1985-05-01

    The presence of a persistent left-sided superior vena cava (LSVC) in the absence of a right-sided superior vena cava (RSVC) may be suspected on a posteroanterior (PA) chest radiograph because of a prominent-appearing ascending aorta, which results from the absence of the RSVC. In the absence of an RSVC, the right upper lobe abuts and outlines the course of the ascending aorta, allowing better demonstration of its profile. This report describes a patient with this finding on a PA chest radiograph. Computed tomographic correlation is presented.

  16. Mycotic aneurysm rupture of the descending aorta

    Energy Technology Data Exchange (ETDEWEB)

    Gufler, H.; Buitrago-Tellez, C.H.; Nesbitt, E.; Hauenstein, K.H. [Department of Radiology, Albert-Ludwigs-Universitaet, Freiburg (Germany)

    1998-03-01

    A 69-year-old diabetic male with salmonella bacteremia developed hypovolemic shock and swelling of the neck. A CT examination revealed massive mediastinal hemorrhage extending into the neck soft tissues caused by false aneurysm rupture of the descending thoracic aorta. Aortography showed continuous extravasation from a large leak at the medial side of the descending thoracic aorta. Although surgical intervention was immediately performed, the patient died 3 weeks later from multiple-organ failure. In this report, CT and angiographic findings of mycotic aneurysm rupture are presented and a review is given. (orig.) With 2 figs., 11 refs.

  17. Racionalidade e métodos do registro ACCEPT - Registro Brasileiro da Prática Clínica nas Síndromes Coronarianas Agudas da Sociedade Brasileira de Cardiologia Racionalidad y métodos del registro ACCEPT - registro brasileño de la práctica clínica en los síndromes coronarios agudos de la Sociedad Brasileña de Cardiología Rationality and methods of ACCEPT registry - Brazilian Registry of Clinical Practice in Acute Coronary Syndromes of the Brazilian Society of Cardiology

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luiz Alberto Piva e Mattos

    2011-08-01

    Full Text Available FUNDAMENTO: Aferição da prática clínica brasileira em pacientes com síndrome coronariana aguda, em hospitais públicos e privados, permitirá identificar os hiatos na incorporação de intervenções clínicas com benefício comprovado. OBJETIVO: Elaborar um registro de pacientes portadores do diagnóstico de síndrome coronariana aguda para aferir dados demográficos, morbidade, mortalidade e prática padrão no atendimento desta afecção. Ademais, avaliar a prescrição de intervenções baseadas em evidências, como a aspirina, estatinas, betabloqueadores e reperfusão, dentre outras. MÉTODOS: Estudo observacional do tipo registro, prospectivo, visando documentar a prática clínica hospitalar da síndrome coronária aguda, efetivada em hospitais públicos e privados brasileiros. Adicionalmente, serão realizados seguimento longitudinal até a alta hospitalar e aferição da mortalidade e ocorrência de eventos graves aos 30 dias, 6 e 12 meses. RESULTADOS: Os resultados serão apresentados um ano após o início da coleta (setembro de 2011 e consolidados após a reunião da população e dos objetivos posteriormente almejados. CONCLUSÃO: A análise desse registro multicêntrico permitirá projetar uma perspectiva horizontal do tratamento dos pacientes acometidos da síndrome coronariana aguda no Brasil.FUNDAMENTO: Comprobación de la práctica clínica brasileña en pacientes con el síndrome coronario agudo en los hospitales públicos y privados, que permitirá identificar el vacío en la incorporación de intervenciones clínicas con el comprobado beneficio. OBJETIVO: Elaborar un registro de pacientes portadores del diagnóstico del síndrome coronario agudo para comprobar los datos demográficos, morbilidad, mortalidad y la práctica estándar en la atención de esa enfermedad. Además, evaluar la prescripción de intervenciones basadas en evidencias, como la aspirina, estatinas, betabloqueantes y reperfusión, entre otras. M

  18. Avaliação da relação neutrófilos/linfócitos em pacientes com suspeita de síndrome coronariana aguda An assessment of neutrophils/lymphocytes ratio in patients suspected of acute coronary syndrome

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ana Denise Zazula

    2008-01-01

    Full Text Available FUNDAMENTO: A contagem total de leucócitos é um marcador de risco independente para eventos cardiovasculares. A relação entre a contagem de neutrófilos e linfócitos (N/L tem sido explorada como novo preditor de risco cardiovascular, mas seu papel diagnóstico na avaliação de pacientes com suspeita de síndrome coronariana aguda (SCA é desconhecido. OBJETIVO: Avaliar o valor diagnóstico da relação N/L em pacientes admitidos com suspeita de SCA em uma Unidade de Dor Torácica (UDT. MÉTODOS: Foram avaliados 178 pacientes admitidos com dor torácica, seguindo fluxograma diagnóstico conforme aspectos clínicos, eletrocardiográficos e laboratoriais. Os diagnósticos estabelecidos foram: infarto agudo do miocárdio com (IAMEST e sem elevação de segmento ST (IAMSEST, angina instável (AI e dor não-cardíaca (NC. Contagens total e diferencial de leucócitos foram realizadas em amostra de sangue periférico coletada na admissão. RESULTADOS: Pacientes com dor diagnosticada como não-cardíaca apresentaram a menor relação N/L (n = 45; 3,0 ± 1,6, seguidos por AI (n = 65; 3,6 + 2,9, IAMSEST (n = 33; 4,8 ± 3,7 e IAMEST (n = 35; 6,9 ± 5,7 (p BACKGROUND: Leukocytes total count is an independent risk marker for cardiovascular events. The ratio between neutrophils and lymphocytes (N/L count has been investigated as a new predictor for cardiovascular risk, although its diagnostic role when assessing patients suspected of an acute coronary syndrome (ACS condition is not yet known. OBJECTIVE: To evaluate the diagnostic power of N/L ratio in patients who have been admitted at a Chest Pain Unit (CPU with the suspicion of ACS. METHODS: Evaluation was conducted in 178 patients admitted with chest pain. Diagnostic flowchart including clinical, electrocardiographic, and laboratory data. Diagnosis obtained was: acute myocardial infarction (AMI with (AMI-STE and with no segment T elevation (AMI-NSTE, unstable angina (UA and non-cardiac pain (NC. Total

  19. Estudo prospectivo e randomizado entre cardioplegia sangüínea com reperfusão quente (37ºC e o pinçamento intermitente da aorta na revascularização do miocárdio Randomized controlled trial between blood cardioplegia with warm reperfusion and intermittent aortic cross-clamping in myocardial revascularization

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luís Roberto Gerola

    1991-08-01

    Full Text Available No Instituto do Coração, foi realizado um estudo prospectivo e randomizado entre a utilização de cardioplegia sangüínea com reperfusão aquecida e enriquecida com aspartate e glutamato e o pinçamento intermitente da aorta na revascularização do miocárdio. Sessenta pacientes foram operados, sendo 30 com cardioplegia (Grupo C e 30 com pinçamento intermitente da aorta (Grupo P. Não houve diferenças quanto aos antecedentes patológicos e as condiçõs clínicas pré-operatórias. Quinze pacientes estavam em classe funcional III ou IV (Angina no grupo C e 20 no grupo P. Seis pacientes apresentavam aneurisma do ventrículo esquerdo, três em cada grupo, e nove pacientes eram reoperações. No grupo C foi realizada uma média de 2,93 enxertos por paciente e no grupo P de 3,13. O tempo de circulação extracorpórea no grupo P foi de 85 ± 23 min e no grupo C de 100 ± 2 8 min (p A prospective and randomized study was performed to compare blood cardioplegia with warm reperfusion to intermittent aortic cross-clamping in the myocardial revascularization. Sixty patients were operated upon, 30 with blood cardioplegia (Group I and 30 with aortic cross-clamping (Group II. There were no differences between the two groups in regard to preoperative data. Fifteen patients were in NYHA class III or IV (angina in the group I and 20 patients in the group II. Six patients had left ventricular aneurysms, three in each group. An average number of 2.93 grafts per patient were performed in the group I and 3.13 in the group II. The cardiopulmonary bypass time was 85 ± 23 min in the group II and 100 ± 28 min in the group I (p < 0.05. The aortic cross-clamping time was 44.3 ± 14.9 min in the group II and 62.8 ± 24.5 min in the group I (p < 0.01. The average ischemic time per anastomosis in the group II was 8.6 ± 2.2 min. The postoperative variations of the cardiac index, left ventricular stroke work index and right ventricular stroke work index were

  20. Colecistite aguda não-complicada: colecistectomia laparoscópica precoce ou tardia?

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ajith Sankarankutty

    2012-10-01

    Full Text Available Metanálises recentes sugerem que a colecistectomia laparoscópica precoce (dentro de uma semana do início dos sintomas para a doença aguda, não complicada, da vesícula biliar é segura e viável. No entanto, enquetes sobre as práticas cirúrgicas indicam que a colecistectomia laparoscópica precoce é realizada por apenas uma minoria dos cirurgiões. Além disso, o melhor momento para realização deste procedimento, bem como sua relação custo-eficácia continuam sendo uma questão de debate. A reunião de revista TBE - CiTE realizou uma avaliação crítica dos artigos mais relevantes, publicados recentemente, sobre o momento da colecistectomia laparoscópica e sua relação custo-eficácia para o tratamento da colecistite aguda não complicada e fornece recomendações baseadas em evidências sobre o tema. A literatura engloba pequenos ensaios com alto risco para vieses. Ela sugere que colecistectomia laparoscópica precoce é segura e encurta o período de internação. Há uma escassez de estudos bem desenhados e de grandes séries analisando custo-utilidade. As seguintes recomendações foram geradas: (1 a colecistectomia laparoscópica precoce deve ser tentada como o tratamento de primeira linha dentro de uma semana do início dos sintomas, e (2 O custo-efetividade da colecistectomia laparoscópica precoce deve ser avaliada em cada local, levando-se em consideração os recursos, tais como a disponibilidade de pessoal treinado e de equipamentos laparoscópicos.

  1. Diagnóstico laboratorial das leucemias linfóides agudas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Farias Mariela Granero

    2004-01-01

    Full Text Available A leucemia linfóide aguda (LLA é a forma mais comum de câncer na infância, compreendendo 70% dos casos; em adultos a incidência é de apenas 20%. A abordagem inicial do diagnóstico consiste no exame citomorfológico do sangue periférico e da medula óssea. O estudo imunofenotípico eleva para 99% o percentual de casos corretamente classificados, permitindo identificar a linhagem celular (T ou B e os diferentes estágios de maturação da célula. Aproximadamente 20% dos casos são de origem de célula T; 75%, precursores de célula B; e 5%, de célula B madura. As técnicas citogenéticas têm contribuído de maneira fundamental para a compreensão da biologia molecular e do tratamento da LLA. As anormalidades cromossômicas, quando associadas ao painel de imunofenotipagem, constituem o parâmetro mais importante para a classificação das leucemias, e, juntamente com outros fatores clínicos e laboratoriais, possibilitam a estratificação dos pacientes em diferentes grupos de risco, tendo importância fundamental para determinar o prognóstico e estabelecer o tratamento adequado. O objetivo deste trabalho é fazer uma revisão bibliográfica dos métodos laboratoriais através dos critérios morfológicos, citoquímicos, imunológicos, citogenéticos e de genética molecular, que são úteis para a classificação e o diagnóstico das leucemias linfóides agudas.

  2. Evaluación del impacto de las técnicas de control del daño en el tratamiento de los pacientes con aneurisma roto de la aorta abdominal. Hospital Universitario San Vicente de Paúl, Medellín, Colombia, enero de 2000 a octubre de 2007

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    John Fernando García V.

    2008-11-01

    Full Text Available La mortalidad quirúrgica atribuible al aneurisma de la aorta abdominal (AAA roto oscila entre 40 y 70% según los diversos informes de la literatura; la principal causa de ello es la falla orgánica múltiple (FOM, la que a su vez corresponde, en un porcentaje importante de casos, al complejo de hipertensión abdominal/síndrome del compartimento abdominal (HTA/SCA. A principios de la década de los años 90 aparecieron algunos artículos informando que los pacientes tratados con laparostomía, con o sin empaquetamiento, cursaban sin HTA/SCA, y presentaban tasas de supervivencia mejores que las de aquellos a quienes se les cerraba primariamente el abdomen, luego de la corrección de un AAA roto. Decidimos tratar a la mayoría de los pacientes con laparostomía y empaquetamiento abdominal, con el fin de disminuir la mortalidad previa global del servicio, la cual había sido del 81,8% en 44 pacientes (corregida de 79,3%. Se exceptúan 6 pacientes a quienes se les hizo cierre primario de la pared abdominal al momento de corregir su AAA roto. Se obtuvo una tasa global de mortalidad a 30 días del 55,9% y corregida del 45,5%. Con lo anterior se puede concluir que a los pacientes con AAA roto, dada su gravedad, se les deben ofrecer técnicas similares a las utilizadas en el control del daño en el trauma, como la laparostomía y el empaquetamiento abdominal con el fin de que tengan la mejor oportunidad de sobrevivir.

  3. A system for automatic aorta sections measurements on chest CT

    Science.gov (United States)

    Pfeffer, Yitzchak; Mayer, Arnaldo; Zholkover, Adi; Konen, Eli

    2016-03-01

    A new method is proposed for caliber measurement of the ascending aorta (AA) and descending aorta (DA). A key component of the method is the automatic detection of the carina, as an anatomical landmark around which an axial volume of interest (VOI) can be defined to observe the aortic caliber. For each slice in the VOI, a linear profile line connecting the AA with the DA is found by pattern matching on the underlying intensity profile. Next, the aortic center position is found using Hough transform on the best linear segment candidate. Finally, region growing around the center provides an accurate segmentation and caliber measurement. We evaluated the algorithm on 113 sequential chest CT scans, slice thickness of 0.75 - 3.75mm, 90 with contrast agent injected. The algorithm success rates were computed as the percentage of scans in which the center of the AA was found. Automated measurements of AA caliber were compared with independent measurements of two experienced chest radiologists, comparing the absolute difference between the two radiologists with the absolute difference between the algorithm and each of the radiologists. The measurement stability was demonstrated by computing the STD of the absolute difference between the radiologists, and between the algorithm and the radiologists. Results: Success rates of 93% and 74% were achieved, for contrast injected cases and non-contrast cases, respectively. These results indicate that the algorithm can be robust in large variability of image quality, such as the cases in a realworld clinical setting. The average absolute difference between the algorithm and the radiologists was 1.85mm, lower than the average absolute difference between the radiologists, which was 2.1mm. The STD of the absolute difference between the algorithm and the radiologists was 1.5mm vs 1.6mm between the two radiologists. These results demonstrate the clinical relevance of the algorithm measurements.

  4. Platelet affinity for burro aorta collagen

    Energy Technology Data Exchange (ETDEWEB)

    Schneider, M.D.

    1977-10-01

    Despite ingenious concepts, there are no unequivocal clues as to what, when, and how some undefined biochemical factor(s) or constituent(s) that localizes in the arterial wall can precipitate a thromboatheromatous lesion or arterial disease. The present study focused on the extraction, partial purification, and characterization of a collagen-active platelet stimulator from the aortas of aged burros. The aggregator moiety in the aorta extracts invariably had a higher affinity for platelets in citrated platelet-rich plasma of human beings than for platelets of homologous burros. The platelet-aggregating factor(s) in the aorta extract was retained by incubation with ..cap alpha..-chymotrypsin. Platelet-aggregating activity was rapidly abolished after incubation with collagenase, as determined by platelet-aggregometry tests. Evidence based on light microscope and polysaccharide histochemical reactions indicates a probability that the intracellular amorphous matrix (PAS-positive) and filamentous components (PTAH-positive) expelled from smooth muscle cells disrupted during homogenization of the aorta may be a principal source of a precursor collagen species which is a potent inducer of platelet aggregation.

  5. Thoracic aorta stent grafting through transapical access.

    NARCIS (Netherlands)

    Saouti, N.; Vos, J.A.; Heuvel, D. van de; Morshuis, W.J.; Heijmen, R.H.

    2015-01-01

    BACKGROUND: To describe the transapical approach for thoracic endovascular aortic repair (TEVAR). METHODS: Three patients, 2 elective and 1 emergent, with thoracic aorta aneurysm are described with vascular or direct aortic inaccessible access, who underwent TEVAR through transapical access. The tec

  6. Abdominal aorta transplantation after programmed cryopreservation

    Institute of Scientific and Technical Information of China (English)

    Song Gu; Chang-Jian Liu; Tong Qiao; Xue-Mei Sun; Jun-Hao Chen

    2004-01-01

    AIM: To study the morphologic and cellular immunologic changes after homologous transplantation of the abdominal aorta in rats after programmed cryopreservation (-196°C).METHODS: Abdominal aorta was harvested from anesthetized Spraque Dawley (SD) rats for cryopreservation (group B) or immediate implantation (group A). The survival rates and apoptotic rates of aortic endothelial cells (ECs)were examined. The patency rates, histology and cellular immunologic changes of the abdominal aorta were examined on days 1, 3, 7, 14, 30, 60 after transplantation respectively.RESULTS: The survival rate of ECs after programmed cryopreservation was 90.1±1.79%, about 3.4% lower than that of uncryopreservation (93.5±1.96%). The apoptotic rates of ECs was increased after cryopreservation (7.15%vs 4.86%, P<0.05). The patency rate of group B was significantly higher than that of group A (91.6±12.9% vs 62.5±26.2%, P<0.01). CD4/CD8 ratio, TCR αβ and CD11b/CD18 ratio of group B were significantly lower than those of group A (P<0.05). Revivification of the cryopreserved abdominal aorta showed normal adventitia and intact smooth muscle cells.CONCLUSION: Cryopreservation can reduce homologous abdominal aortic antigenecity. Even if without administration of immunosuppressive agents, it is still feasible to implement homologous artery grafting in rats.

  7. Surgery of gigantic infrarenal aneurysm of abdominal aorta

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    N. Rustempašić

    2005-08-01

    Full Text Available The case shows gigantic aneurysm of abdominal aorta, localized infrarenally, as well as aneurysms of bilateral iliac arteries, which were solved successfully by resection of aneurism of abdominal aorta, closure of iliac arteries near aortic bifurcation, and interposition of aorta-bifemural vascular graft. There were no postoperative complications,and final outcome was fully satisfactory.

  8. Retalho de pericárdio pediculado vascularizado autógeno para aortoplastia e correção da coarctação simples de aorta torácica, ou associada à hipoplasia, atresia ou interrupção do arco aórtico Pediculated autologous vascularized pericardial flap aortoplasty for correction of simple aortic coarctation or associated with hypoplasia, atresia or interruption of aortic arch

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Paulo Rodrigues da Silva

    2006-12-01

    Full Text Available OBJETIVO: Dezoito anos atrás, dois jovens pacientes, do sexo masculino, com 8 meses e 13 anos de vida, ambos com coarctação da aorta torácica associada à hipoplasia da aorta, entre a artéria subclávia esquerda e a área coarctada, foram submetidos à correção cirúrgica destas lesões por meio de uma nova e pioneira técnica cirúrgica desenvolvida por nós. MÉTODO: A técnica consiste na secção do canal arterial e ressecção de todo tecido coarctado da aorta, seguida por uma aortoplastia, utilizando-se de um retalho longitudinal de pericárdio vascularizado autógeno, implantado desde a saída da artéria subclávia até 2,0 cm abaixo da área coarctectomizada. Em ambos os casos, a pressão arterial sistêmica e os pulsos arteriais dos membros superiores e inferiores ficaram normais, imediatamente após a cirurgia até os dias de hoje. RESULTADOS: Os exames clínicos e de medidas com Doppler mostraram, respectivamente, nenhum gradiente pressórico braço/perna, assim como, demonstraram fluxo sanguíneo arterial normal e não gradiente arterial pressórico através da área coartectomizada. Ambos foram submetidos a rigorosas avaliações 18 anos após a cirurgia, incluindo cateterismo cardíaco e torácico aórtico, com aortografia, testes ergométricos e angiotomografia computadorizada aórtica. Essas avaliações mostraram uma configuração aórtica normal, com diâmetros transversos normais, inclusive nas regiões acima e abaixo da área coartectomizada. Não houve demonstração de qualquer forma de lesão degenerativa do retalho pericárdico pediculado implantado ao longo dos anos, assim como nenhuma identificação de lesão aneurismática, de sinais de lesão aterosclerótica no mesmo, ou de recoarctação. Mais importante, é que ficou evidente que o retalho pericárdico pediculado totalmente vascularizado, assim utilizado, é mantido vivo, e cresceu ao longo dos anos, tanto em seu diâmetro como em seu comprimento

  9. Aplicação da ventilação não-invasiva em insuficiência respiratória aguda após cirurgia cardiovascular Application of noninvasive ventilation in acute respiratory failure after cardiovascular surgery

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Vera Regina de Morais Coimbra

    2007-11-01

    Full Text Available OBJETIVOS: Verificar as respostas ventilatória, de oxigenação e hemodinâmica de pacientes com insuficiência respiratória aguda (IResp hipoxêmica submetidos a aplicação de ventilação mecânica não-invasiva (VMNI no pós-operatório de cirurgia cardiovascular, buscando variáveis preditoras de sucesso, e comparar as diferentes modalidades de VMNI. MÉTODOS: No total, 70 pacientes com IResp hipoxêmica foram randomizados em uma das três modalidades de VMNI: pressão positiva contínua em vias aéreas (CPAP e ventilação com dois níveis pressóricos (PEEP + PS e BiPAP®. Foram analisadas variáveis ventilatórias, de oxigenação e hemodinâmicas nos períodos pré-aplicação, 3, 6 e 12 horas após iniciado o protocolo. RESULTADOS: Foram excluídos 13 pacientes. Dos pacientes restantes, 31 evoluíram para independência do suporte ventilatório, constituindo o grupo sucesso, e 26 necessitaram de intubação orotraqueal, sendo considerados insucesso. Idade e níveis iniciais de freqüência cardíaca (FC e de freqüência respiratória (FR apresentaram valores elevados no grupo insucesso (p = 0,042, 0,029 e 0,002, respectivamente. O grupo insucesso apresentou maior número de intercorrências intra-operatórias (p = 0,025. As variáveis de oxigenação elevaram-se somente no grupo sucesso. Dentre as modalidades de VMNI, evoluíram como sucesso 57,9% dos pacientes no grupo ventilador, 57,9% no bi-nível e 47,3% no CPAP. Variáveis de oxigenação e FR apresentaram melhora somente nos grupos com dois níveis pressóricos. CONCLUSÃO: Pacientes com IResp hipoxêmica no pós-operatório de cirurgia cardiovascular apresentaram melhora da oxigenação, da FR e da FC durante a aplicação de VMNI. Em pacientes mais idosos e com valores iniciais de FR e de FC mais elevados, a VMNI não foi suficiente para reverter o quadro de IResp. Modalidades com dois níveis pressóricos apresentaram resultados superiores.OBJECTIVE: To examine ventilatory

  10. [Ascending aorta-supraceliac++ aorta bypass. Correction of a case of atypical coarctation in the adult].

    Science.gov (United States)

    Vaquero, F; Zorita, A; Samos, R F; Vázquez, J G; Ortega, J M; Morán, C F

    1993-01-01

    A case of atypic coarctation at the aortic arch in an adult patient is described. Coarctation was surgically treated by a retrosternal bypass from the ascendant aorta to the supra-celiac aorta. After a short prelude the clinical case is summarized. Furthermore, the etiopathogenic features of the disease, the different diagnostic methods and the multiple surgical procedures are discussed. Finally, we briefly review the literature.

  11. Intoxicación aguda por plaguicidas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Durán-Nah Jaime Jesús

    2000-01-01

    Full Text Available OBJETIVO: Describir la epidemiología de la intoxicación aguda por plaguicidas (IAP en el Hospital General O'Horán de Mérida, Yucatán, México. MATERIAL Y MÉTODOS: Se revisaron los expedientes de 33 pacientes superscript three 13 años, tratados en una unidad de cuidados intensivos (UCI, entre 1994 y 1998. Se recopilaron variables demográficas y clínicas relevantes, y se aplicó estadística descriptiva. RESULTADOS: En la población estudiada predominó el sexo masculino (82% del medio rural (70%, y la edad media fue de 34 ± 15.8 años. El intento de suicidio fue causa frecuente de IAP (79%, y en 33% de los casos la intoxicación se produjo por la utilización de organofosforados. La mortalidad fue de 12%. CONCLUSIONES: La IAP fue baja entre los sujetos del medio rural, por lo que los resultados de este estudio parecen no reflejar la realidad del problema. Es importante añadir que los plaguicidas son utilizados con relativa frecuencia para el intento de suicidio.

  12. Esofagitis necrotizante aguda: Una entidad inusual

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Silvana E. Pramparo

    2010-12-01

    Full Text Available La esofagitis necrotizante aguda (ENA, también denominada esófago negro, es una rara enfermedad poco descripta en la literatura médica. Describimos el caso de un hombre de 80 años, con hemorragia digestiva alta quien desarrolló un esófago negro luego de un episodio de hipotensión. La necrosis fue confirmada histológicamente. Los pacientes se presentan con hematemesis y melena en más del 70% de los casos. Los hallazgos endoscópicos muestran una coloración negruzca de la mucosa esofágica. El diagnóstico se realiza con endoscopia y confirmación histológica. La mortalidad es alta (más del 50% aunque relacionada a las enfermedades de base del paciente. Por último, podemos decir que la sospecha es muy importante en el diagnóstico de ENA, particularmente en pacientes ancianos con enfermedades asociadas y evidencia de hemorragia digestiva alta. En este trabajo describimos las características clínicas, endoscópicas e histopatológicas de un paciente con ENA.

  13. Influência da resposta inflamatória de fase aguda nos níveis séricos de retinol e da proteína de ligação do retinol em pacientes com AIDS

    OpenAIRE

    Neves,Fábio Fernandes; Figueiredo,José Fernando de Castro; JORDÃO JÚNIOR,Alceu Afonso; Vannucchi,Hélio

    2010-01-01

    INTRODUÇÃO: a hiporretinolemia constitui fator prognóstico independente em pacientes com AIDS, e a atividade inflamatória causa redução dos níveis séricos deste nutriente na população em geral. Entretanto, faltam estudos que avaliem o impacto da atividade inflamatória sobre o nível sérico do retinol em pacientes com AIDS. MÉTODOS: foram avaliados transversalmente 41 pacientes internados por complicações da AIDS, que tiveram quantificados alguns marcadores de inflamação (proteína C reativa e f...

  14. Influência da resposta inflamatória de fase aguda nos níveis séricos de retinol e da proteína de ligação do retinol em pacientes com AIDS Influence of acute-phase inflammatory response on serum levels of retinol and retinol binding protein in HIV/AIDS patients

    OpenAIRE

    Fábio Fernandes Neves; José Fernando de Castro Figueiredo; Alceu Afonso Jordão Júnior; Hélio Vannucchi

    2010-01-01

    INTRODUÇÃO: a hiporretinolemia constitui fator prognóstico independente em pacientes com AIDS, e a atividade inflamatória causa redução dos níveis séricos deste nutriente na população em geral. Entretanto, faltam estudos que avaliem o impacto da atividade inflamatória sobre o nível sérico do retinol em pacientes com AIDS. MÉTODOS: foram avaliados transversalmente 41 pacientes internados por complicações da AIDS, que tiveram quantificados alguns marcadores de inflamação (proteína C reativa e f...

  15. Ensaio clínico randomizado, duplo-cego, comparativo entre a associação de cafeína, carisoprodol, diclofenaco sódico e paracetamol e a ciclobenzaprina, para avaliação da eficácia e segurança no tratamento de pacientes com lombalgia e lombociatalgia agudas A randomized, double-blind clinical trial, comparing the combination of caffeine, carisoprodol, sodium diclofenac and paracetamol versus cyclobenzaprine, to evaluate efficacy and safety in the treatment of patients with acute low back pain and lumboischialgia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Reynaldo Jesus Garcia Filho

    2006-01-01

    Full Text Available OBJETIVO: Testar eficácia e segurança da associação de diclofenaco, paracetamol, carisoprodol e cafeína, no tratamento da lombalgia e lombociatalgia agudas, comparadas à eficácia e segurança da ciclobenzaprina. DESENHO DO ESTUDO: Ensaio clínico unicêntrico, randomizado, duplo-cego, comparativo. MÉTODO: As medicações foram administradas 3 vezes ao dia por um período de 7 dias. GRUPO ESTUDADO: 108 pacientes com diagnóstico de lombalgia e lombociatalgia agudas nos últimos 7 dias foram randomizados, sendo 54 em cada grupo. DESFECHO: Os critérios de eficácia primários selecionados para o estudo foram escala visual analógica para dor e questionário de Roland Morris, cujos resultados de antes e depois do tratamento foram comparados. Os secundários foram avaliação global do tratamento pelo paciente e pelo investigador e uso da medicação analgésica de resgate. Os critérios de segurança foram análise de tolerabilidade, interrupção da medicação por evento adverso e exames laboratoriais. RESULTADO: Não houve diferença estatística entre os grupos, em relação à eficácia, em nenhum dos desfechos analisados. Ambas as medicações mostraram-se seguras e toleráveis no tratamento da lombalgia e da lombociatalgia agudas. A análise estatística rigorosa mostrou diferença nos dois grupos apenas no que se refere aos eventos adversos, sendo mais freqüentes no grupo que foi tratado com a ciclobenzaprina.OBJECTIVE: To evaluate the efficacy and safety of the combination of diclofenac, paracetamol, carisoprodol, and caffeine in the treatment of acute low back pain and lumboischialgia, compared to the efficacy and safety of cyclobenzaprine. STUDY DESIGN: Single-center, comparative, randomized, double-blind clinical trial. METHOD: Drugs were administered t.i.d. for a period of 7 days. STUDY POPULATION: 108 patients with a diagnosis of acute low back pain and lumboischialgia in the last 7 days were randomized, being included 54

  16. Mielopatia transversa em adulto portador de leucemia aguda linfoblástica: relato de caso

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Brito José Correia de Farias

    2001-01-01

    Full Text Available Relatamos um caso de mielopatia transversa aguda em paciente masculino de 31 anos de idade, branco, portador de leucemia aguda linfoblástica, subtipo L3 (LLA-L3. Esta é uma forma grave de leucemia e compromete mais crianças em relação aos adultos. Menos de 1% dos pacientes leucêmicos apresentam complicações espinais. No paciente em estudo, a sintomatologia instalou-se de modo abrupto e com as seguintes características: dores nas costas, paraplegia crural flácida e perda das funções sensitivas e vegetativas abaixo do segmento afetado. O diagnóstico etiológico foi estabelecido após a realização dos seguintes exames: hemograma, mielograma, análise do líquido cefalorraqueano e ressonância magnética de coluna dorsal. Foi instituído tratamento específico, que não interferiu com a evolução fatal da doença.

  17. Chagas' disease: IgA, IgM and IgG antibodies to T. cruzi amastigote, trypomastigote and epimastigote antigens in acute and in different chronic forms of the disease Doença de Chagas: anticorpos IgG, IgM e IgA contra antígenos de amastigota, tripomastigota e epimastigota de T. cruzi em formas agudas e em diferentes formas crônicas da doença

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Kátia S. C. Primavera

    1990-06-01

    Full Text Available In an attempt to find a better T. cruzi antigen and possible immunological markers for the diagnosis of different clinical forms of Chagas' disease, amastigote and trypomastigote antigens obtained from immunosuppressed mice infected with T. cruzi (Y strain were assessed in comparison with conventional epimastigote antigens. A total of 506 serum samples from patients with acute and with chronic (indeterminate, cardiac and digestive forms, from nonchagasic infections, and from healthy individuals were assayed in immunofluorescence (IF tests, to search for IgG, IgM and IgA antibodies. Amastigote proved to be the most convenient antigen for our purposes, providing higher relative efficiency indexes of 0.946, 0.871 and 0.914 for IgG, IgM and IgA IF tests, respectively. Anti-amastigote antibodies presented higher geometric mean titers (GMT than anti-trypomastigote and anti-epimastigote. Anti-amastigote IgG antibodies were found in all forms of Chagas' disease, and predominantly IgA antibodies, in chronic digestive and in acute forms, as well as IgM antibodies, in latter forms. Thus, tests with amastigote antigen could be helpful for screening chagasic infections in blood banks. Practical and economical aspects in obtaining amastigotes as here described speak in favour of its use in developing countries, since those from other sources require more complex system of substruction, specialized personnel or equipment.Com o intúito de se aperfeiçoar o diagnóstico sorológico das diferentes formas clínicas da doença de Chagas, foram estudados antígenos de formas amastigota e tripomastigota, obtidas de camundongos imunossuprimidos infectados com cepa Y de T. cruzi, em comparação com o de epimastigota convencionalmente utilizado. Um total de 506 amostras de soro de pacientes chagásicos com formas aguda e crônicas (indeterminada, cardíaca e digestiva, de indivíduos com infecções não relacionadas e de indivíduos sadios foi analisado por rea

  18. [Ascending aorta replacement late after aortic valve replacement].

    Science.gov (United States)

    Hayashi, Yasunari; Ito, Toshiaki; Maekawa, Atsuo; Sawaki, Sadanari; Fujii, Genyo; Hoshino, Satoshi; Tokoro, Masayoshi; Yanagisawa, Junji

    2013-07-01

    Replacement of the asceding aorta is indicated in patients undergoing aortic valve replacement( AVR), if the diameter of the ascending aorta is greater than 5.0 cm. If the diameter of the asceding aorta is from 4.0 to 5.0 cm, it was arguable whether replacement of the ascending aorta should be performed. Nine patients who underwent reoperative ascending aorta replacement after AVR were reviewed retrospectively. Reoperation on the asending aorta replacement was performed 11.8±7.2 years (range 1y5m~23y3m) after AVR. Mean patient age was 69.9±6.3 (range 60~81). In 2 cases, reoperations were performed early year after AVR. Although ascending aorta was dilated at the 1st operation, replacement wasn't performed for the age and minimally invasive cardiac surgery (MICS). In 3 cases, reoperations were performed more than 10 years later. On these cases, ascending aorta aneurysm and dissection occurred with no pain and were pointed out by computed tomography(CT) or ultrasonic cardiogram(UCG). We think that patients with dilatation of the ascending aorta should undergo AVR and aorta replacement at the 1st operation regardness of age. It is important that patients who underwent AVR should undergo a regular checkup on the ascending aorta.

  19. Influência da criação de um serviço de tratamento da dor aguda nos custos e no consumo de drogas analgésicas na sala de recuperação pós-anestésica Influencia de la creación de un servicio de tratamiento del dolor agudo en los costos y en el consumo de drogas analgésicas en la sala de recuperación pos-anestésica Influence of acute pain management service on analgesic drugs cost and consumption in the post-anesthetic recovery unit

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marcos Emanuel Wortmann Gomes

    2003-12-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: Sabe-se que a dor aguda pós-operatória apresenta grande influência na evolução dos pacientes cirúrgicos. Mobilização precoce, menor tempo de hospitalização, diminuição de custos e maior satisfação são resultados do adequado manuseio da dor. Observa-se uma tendência mundial ao surgimento de serviços especializados no tratamento da dor pós-operatória. O presente estudo visa descrever a influência da criação de um serviço de tratamento da dor aguda pós-operatória nos custos e no consumo de analgésicos na sala de recuperação pós-anestésica. MÉTODO: Durante os anos de 2000 e 2001 foi realizada coleta prospectiva de dados, através de sistemas informatizados especialistas da Controladoria de nossa instituição, relativos ao consumo e custo de drogas analgésicas na sala de recuperação e ao número de cirurgias realizadas. RESULTADOS: Houve um aumento do consumo e dos custos com analgésicos, assim como uma modificação no perfil de utilização dos mesmos. CONCLUSÕES: A criação do Serviço de Tratamento da Dor Aguda (STDA em nossa instituição determinou uma mudança no perfil dos analgésicos utilizados. Houve um aumento de consumo e nos custos dessas drogas, sugerindo que os pacientes tiveram um melhor controle da dor pós-operatória.JUSTIFICATIVA Y OBJETIVOS: Se sabe que el dolor agudo pos-operatorio presenta gran influencia en la evolución de los pacientes quirúrgicos. Movilización precoz, menor tiempo de hospitalización, diminución de costos y mayor satisfacción son resultados del adecuado manoseo del dolor. Se observa una tendencia mundial al surgimiento de servicios especializados en el tratamiento del dolor pos-operatorio. El actual estudio tiene por finalidad describir la influencia de la creación de un servicio de tratamiento del dolor agudo pos-operatorio en los costos y en el consumo de analgésicos en la sala de recuperación pos-anestésica. MÉTODO: Durante los a

  20. Colonização e resistência antimicrobiana de Streptococcus pneumoniae isolado em nasofaringe de crianças com rinofaringite aguda

    OpenAIRE

    Ferreira,Lêda Lúcia M.; Eduardo S. Carvalho; Berezin,Eitan N.; Brandileone, Maria Cristina

    2001-01-01

    OBJETIVO: avaliar a prevalência e os fatores de risco para a colonização nasofaríngea e determinar o padrão de suscetibilidade à penicilina de cepas isoladas da nasofaringe de crianças com rinofaringite aguda. METODOLOGIA: No período de 16/6/97 a 20/5/98 foram coletados 400 Swabs da nasofaringe de crianças com idade entre três meses e cinco anos que apresentavam quadro clínico de rinofaringite aguda. A identificação do S. pneumoniae foi realizada através do teste de optoquina e solubilidade e...

  1. RTOG criteria to evaluate acute skin reaction and its risk factors in patients with breast cancer submitted to radiotherapy Evaluación de las reacciones agudas de la piel y sus factores de riesgo en pacientes con cáncer de mama sometidos a radioterapia Avaliação das reações agudas da pele e seus fatores de risco em pacientes com câncer de mama submetidas à radioterapia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ana Maria Teixeira Pires

    2008-10-01

    al enfermero planificar conductas más adecuadas e individualizadas para cada paciente y contribuir para optimizar el tratamiento.O objetivo deste estudo foi avaliar e classificar as reações de pele, segundo os critérios do Radiation Therapy Oncology Group (RTOG e caracterizar fatores que possam interferir nessas reações. A metodologia usada foi o estudo prospectivo, com 86 mulheres submetidas à radioterapia na mama, dose total de 5040cGy, com Acelerador Linear de 6 MeV. Coletou-se dados pessoais e foi medido o tamanho da mama (distância entre a separação dos campos e altura da mama. A avaliação da pele na área de tratamento foi realizada semanalmente. Concluiu-se que a altura da mama e a técnica de tratamento foram significantes na análise univariada, para incidência de reação de pele grau 3. Porém, apenas a altura da mama foi fator significante na análise multivariada para a gravidade da reação de pele. A chance de ocorrer reação grau 3 aumenta 2,61 vezes a cada aumento de 1 unidade de altura em cm. Esses achados permitem ao enfermeiro programar condutas mais adequadas e individualizadas a cada paciente e contribuir para a otimização do tratamento.

  2. Prognóstico de crianças portadoras de insuficiência renal aguda em unidade de terapia intensiva

    OpenAIRE

    Bresolin, Nilzete Liberato

    2004-01-01

    Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Ciências da Saude. Programa de Pós-graduação em Ciências Médicas Introdução: A insuficiência renal aguda (IRA) representa um fator importante de morbidade e mortalidade para lactentes e crianças gravemente enfermas. No entanto, há na literatura poucos estudos sobre fatores prognósticos nestes pacientes.

  3. Atrophic coarctation of the abdominal aorta.

    Science.gov (United States)

    Wiest, J W; Traverso, L W; Dainko, E A; Barker, W F

    1980-01-01

    Two cases illustrate the clinical manifestations and angiographic findings associated with segmental stenosis of the abdominal aorta. Such lesions represent the chronic occlusive stage of Takayasu's disease, a nonspecific inflammatory arteritis of uncertain etiology. While the disease is considered autoimmune, an infectious process may be involved. Complications typically associated with stenotic lesions of the abdominal aorta are secondary renal hypertension and ischemic symptoms secondary to vascular insufficiency. Surgical correction, the treatment of choice, has achieved excellent results for these well-localized lesions. Secondary renal hypertension was relieved by a spenorenal shunt and the disease has since been controlled with conservative management in the first patient. An aortofemoral bypass graft successfully alleviated the vascular insufficiency in the second patient, although the patient unfortunately expired from a refractory postoperative cardiac complication. Images Fig. 1. Fig. 2. Fig. 3. Fig. 4. PMID:6102453

  4. Manuseio da dissecção aórtica envolvendo artéria coronária direita

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Paulo M. PÊGO-FERNANDES

    1998-04-01

    Full Text Available É conhecido o fato de que a dissecção aórtica pode envolver as artérias coronárias, Entretanto, somente alguns artigos fazem referência ao tratamento cirúrgico dessa afecção. Apresentamos o seguimento de 11 pacientes acometidos por dissecção da aorta ascendente envolvendo a artéria coronária direita e que se submeteram à operação em nossa Instituição - Instituto do Coração do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo. Em 2 pacientes o óstio coronariano esquerdo também foi afetado. Em 7 pacientes a dissecção foi aguda e, em 4, crônica. A aorta ascendente foi substituída por enxerto tubular de Dacron em todos os pacientes; ponte de veia safena para a coronária direita ou enxerto de gore-tex para o óstio coronariano ou artéria coronária direita foi realizado em 9 pacientes e reimplante de ambas as coronárias dissecadas em 2. Houve 3 (27,3% mortes no pós-operatório recente, devido a síndrome de baixo débito e infarto do miocárdio. Dois pacientes acometidos por síndrome de Marfan faleceram no 14º mês de pós-operatório por doença hepática, e outro devido a rotura da aorta descendente no 39º mês. Os 6 pacientes restantes foram acompanhados por um período que variou de 78 a 96 meses (média de 83 meses. Tal experiência sugere que, apesar de significar alto risco, o envolvimento do óstio coronariano direito na dissecção de aorta é um acontecimento que pode ser manejado com sucesso através de alguns procedimentos cirúrgicos, quando realizados antes do surgimento de complicações irreversíveis.It is well known that aortic dissection may involve coronary arteries. However, only a few reports deal with surgical management of this problem. We present the report of the follow-up of 11 patients who suffered from ascending aortic dissection involving the right coronary artery and underwent surgical treatment at our Institution - InCor, Hospital das Clínicas, University

  5. Tratamiento fisioterápico en la bronquiolitis aguda infantil

    OpenAIRE

    Calonge García, Paula

    2016-01-01

    Introducción: La bronquiolitis aguda infantil es una de las principales causas de morbimortalidad en los niños cuya máxima incidencia está aumentando mucho en los últimos años generando así multitud de costes socioeconómicos. Objetivo: Realizar una revisión bibliográfica sobre las principales técnicas que se utilizan en fisioterapia respiratoria para conocer su evidencia y efectividad en los lactantes con bronquiolitis aguda infantil. Metodología: Se utilizaron las bases de datos MEDLIN...

  6. Pancreatitis aguda recurrente: Presentación de caso

    OpenAIRE

    López Valdés, Julio César

    2014-01-01

    La pancreatitis aguda recurrente (PAR) es un trastorno de origen multifactorial, con una manifestación clínica variable, lo cual incrementa las dificultades para distinguir una crisis de pancreatitis crónica de otra aguda; cuyo diagnóstico dependerá ampliamente de la historia clínica y de los estudios paraclínicos pertinentes a su sospecha. Asimismo, su adecuado tratamiento será subordinado a la diferenciación entre sus causas. Por ello, debe tenerse en mente que es una enfermedad inflamatori...

  7. Atividade gastroprotetora do hidroxicitronelal em modelos de lesÃo gÃstrica aguda em camundongos.

    OpenAIRE

    CÃsar Braga de Holanda OsÃrio

    2011-01-01

    O hidroxicitronelal à um composto amplamente usado como fragrÃncia em cosmÃticos. Este composto pode ser obtido a partir da semi-sÃntese do citronelal, um terpeno isolado do Ãleo essencial de citronela (Cymbopogon marginatus) ou de cidreira (Melissa officinalis), e tambÃm vÃrias outras plantas. O objetivo deste estudo à demonstrar a atividade gastroprotetora do hidroxicitronelal em modelos de lesÃo gÃstrica aguda. A manipulaÃÃo dos animais e os protocolos experimentais foram registrados no...

  8. Doença renal ateroembólica: uma causa de insuficiência renal aguda pouco explorada

    OpenAIRE

    Dummer, Claus Dieter; Veronese,Francisco J. V.; Piana,Marjana

    2010-01-01

    O ateroembolismo é uma doença multisistêmica que afeta vários órgãos, entre os quais o rim, através da liberação de êmbolos de colesterol de uma placa aterosclerótica erosada, ocasionando obstrução vascular em diversos tecidos. A doença renal ateroembólica (DRAE), histologicamente representada por cristais de colesterol nas arteríolas do rim acompanhados de um infiltrado inflamatório perivascular, é causa de insuficiência renal aguda muitas vezes grave e prolongada, que ocorre semanas ou mesm...

  9. Aneurisma de aorta com ruptura para esôfago Aortic aneurysm rupture into the esophagus

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Christiano da Silveira de Barcellos

    2008-12-01

    Full Text Available Apresentamos o caso de uma paciente portadora de aneurisma de aorta descendente com ruptura para o esôfago que, após aortoplastia com interposição de tubo de dacron e rafia da laceração esofágica, evoluiu com fístula esôfago pleural no terceiro dia pós-operatório. A paciente necessitou de reintervenção e cuidados intensivos, reabilitando-se adequadamente. A propósito deste caso incomum e do aprendizado adquirido no seu manejo, revisamos a literatura a fim de discutir a melhor alternativa de correção desta rara e, freqüentemente, fatal forma de apresentação das doenças da aorta.We present the case of a patient with a descending aorta aneurysm rupture into the esophagus, which, after aortoplasty with Dacron tube interposition and suture of esophageal laceration, developed a pleural-esophagus fistula on the 3rd postoperative day. She needed re-intervention and intensive care, followed by adequate recovery. Considering this unusual case and the knowledge acquired through its management, we reviewed the literature in order to discuss the best alternative for the correction of this rare and often fatal form of presentation of aortic diseases.

  10. Respiratory displacement of the thoracic aorta: physiological phenomenon with potential implications for thoracic endovascular repair.

    Science.gov (United States)

    Weber, Tim Frederik; Tetzlaff, Ralf; Rengier, Fabian; Geisbüsch, Philipp; Kopp-Schneider, Annette; Böckler, Dittmar; Eichinger, Monika; Kauczor, Hans-Ulrich; von Tengg-Kobligk, Hendrik

    2009-07-01

    The purpose of this study was to assess the magnitude and direction of respiratory displacement of the ascending and descending thoracic aorta during breathing maneuvers. In 11 healthy nonsmokers, dynamic magnetic resonance imaging was performed in transverse orientation at the tracheal bifurcation during maximum expiration and inspiration as well as tidal breathing. The magnitude and direction of aortic displacement was determined relatively to resting respiratory position for the ascending (AA) and descending (DA) aorta. To estimate a respiratory threshold for occurrence of distinct respiratory aortic motion, the latter was related to the underlying change in anterior-posterior thorax diameter. Compound displacement between maximum expiration and inspiration was 24.3 +/- 6.0 mm for the AA in the left anterior direction and 18.2 +/- 5.5 mm for the DA in the right anterior direction. The mean respiratory thorax excursion during tidal breathing was 8.9 +/- 2.8 mm. The respiratory threshold, i.e., the increase in thorax diameter necessary to result in respiratory aortic displacement, was estimated to be 15.7 mm. The data suggest that after a threshold of respiratory thorax excursion is exceeded, respiration is accompanied by significant displacement of the thoracic aorta. Although this threshold may not be reached during tidal breathing in the majority of individuals, segmental differences during forced respiration impact on aortic geometry, may result in additional extrinsic forces on the aortic wall, and may be of significance for aortic prostheses designed for thoracic endovascular aortic repair.

  11. Insuficiência renal aguda em paciente tratada com ATRA e anfotericina B: relato de caso

    OpenAIRE

    2011-01-01

    O presente relato apresenta o caso clínico de uma paciente com leucemia promie-locítica aguda tratada com ácido todo-transretinoico (ATRA), que apresentou suspeita de síndrome do ácido transreti-noico (síndrome de ATRA). Com a ocor-rência de leucopenia febril inespecífica, foram associados ao tratamento antimi-crobianos e antifúngicos. A diminuição da função renal, observada inicialmente, contribuiu para a suspeita de síndrome de ATRA, que foi agravada pelos antifúngi-cos. Assim, o uso de ATR...

  12. Effects of cilostazol in kidney and skeletal striated muscle of Wistar rats submitted to acute ischemia and reperfusion of hind limbs Efeitos do cilostazol em rim e musculatura estriada esquelética de ratos Wistar submetidos à isquemia aguda e reperfusão de membros posteriores

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Antonio Augusto Moreira Neto

    2012-11-01

    Full Text Available PURPOSE: To investigate the effect of cilostazol, in kidney and skeletal muscle of rats submitted to acute ischemia and reperfusion. METHODS: Fourty three animals were randomized and divided into two groups. Group I received a solution of cilostazol (10 mg/Kg and group II received saline solution 0.9% (SS by orogastric tube after ligature of the abdominal aorta. After four hours of ischemia the animals were divided into four subgroups: group IA (Cilostazol: two hours of reperfusion. Group IIA (SS: two hours of reperfusion. Group IB (Cilostazol: six hours of reperfusion. Group IIB (SS six hours of reperfusion. After reperfusion, a left nephrectomy was performed and removal of the muscles of the hind limb. The histological parameters were studied. In kidney cylinders of myoglobin, vacuolar degeneration and acute tubular necrosis. In muscle interstitial edema, inflammatory infiltrate, hypereosinophilia fiber, cariopicnose and necrosis. Apoptosis was assessed by immunohistochemistry for cleaved caspase-3 and TUNEL. RESULTS: There was no statistically significant difference between groups. CONCLUSION: Cilostazol had no protective effect on the kidney and the skeletal striated muscle in rats submitted to acute ischemia and reperfusion in this model.OBJETIVO: Investigar o efeito do cilostazol no rim e na musculatura esquelética de ratos submetidos à isquemia aguda e reperfusão. MÉTODOS: Quarenta e três animais foram aleatoriamente distribuídos em dois grupos. Grupo I recebeu solução de cilostazol (10 mg/Kg e Grupo II recebeu solução fisiológica a 0,9% (SF, após ligadura da aorta abdominal. Decorridas quatro horas de isquemia os animais foram distribuídos em quatro subgrupos: Grupo IA (Cilostazol: duas horas de reperfusão. Grupo IIA (SF: duas horas de reperfusão. Grupo IB (Cilostazol: seis horas de reperfusão. Grupo IIB (SF: seis horas de reperfusão. Após a reperfusão, realizou-se nefrectomia esquerda e a retirada da musculatura de

  13. Metodologia diagnóstica e tratamento da recaída após transplante de medula óssea em paciente com leucemia promielocítica aguda Diagnostic methodology and treatment of relapse after bone marrow transplantation in a patient with acute promyelocitic leukemia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ronald Pallotta

    2000-12-01

    Full Text Available O transplante de medula óssea, que é um consagrado tratamento de várias doenças oncológicas, hematológicas e imunológicas, tem a recaída como um das principais causas de falha. As variáveis de seleção, condicionamento e de seguimento devem ser analisadas, pois influenciam de maneira fundamental tal falha. O diagnóstico precoce da recaída tem como pilar de sustentação a capacidade de detecção a doença residual mínima. A metodologia empregada, com a citometria de fluxo, citogénetica convencional, fluorescent in situ hybridization e com o polimerase chain reaction, permite uma detecção cada vez mais precoce deste clone residual que é responsável pela volta da doença de base. L.M.S.O, de 54 anos, teve o diagnóstico de leucemia promielocítica em 1997. Foi submetida a um transplante de medula óssea autogênico em 01/09/98 como terapêutica de consolidação. Dois anos após o transplante de medula óssea apresentou recaída molecular diagnosticada por RT PCR realizado sequencialmente. O uso de ácido all-trans-retinóico foi capaz de induzir a nova remissão molecular. O all-trans-retinóico, que tem um mecanismo de ação não bem estabelecido na indução da remissão completa na LMA M3, pode ser utilizado em recaídas. No caso apresentado o diagnóstico precoce a partir de um esquema de avaliação pós-transplante bem programado permitiu um bom resultado. Conclui-se que as variáveis de seleção, condicionamento e seguimento devem ser muito bem estudadas para planejar um acompanhamento adequado e prolongado após o transplante de medula óssea, permitindo cada vez mais melhores resultados com o procedimento.Bone marrow transplantation is a well established modality of treatment for oncologic, hematolologic and immunologic diseases, however the recurrence is the main cause of treatment failure . The variables regarding to selection, conditioning and follow up should be analyzed since them can influence it in a

  14. Ventilação mecânica volume-controlada versus pressão controlada em modelo canino de lesão pulmonar aguda: efeitos cardiorrespiratórios e sobre o custo de oxigênio da respiração Volume controlled ventilation versus pressure controlled ventilation in a canine acute lung injury model: effects on cardiorespiratory parameters and oxygen cost of breathing

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    BRUNO DO VALLE PINHEIRO

    2002-01-01

    Full Text Available Introdução: Persiste a questão sobre se há vantagens mecânicas ou de trocas gasosas no uso da ventilação pressão-controlada (VPC sobre a ciclada a volume (VCV. Objetivos: Comparar, de forma randômica, a VPC com a VCV com fluxo desacelerado nos modos assistido e controlado em modelo experimental de lesão pulmonar aguda. Métodos: Sete cães com lesão pulmonar aguda grave (PaO2/FIO2 Background: It is questionable whether pressure-controlled ventilation (PCV has advantages over volume-cycled ventilation (VCV. Objectives: To compare PCV to VCV with decelerating flow profile during assisted and controlled modes in an acute lung injury experimental model. Methods: Severe acute lung injury (PaO2/FIO2 < 100 mmHg was induced by oleic acid IV infusion (0.05 mg/kg in seven dogs. The animals were submitted to PCV and VCV in a randomized sequence. After 40 minutes in the assisted mode, ventilation was changed to the controlled mode after neuromuscular blockade. The tidal volume and the inspiratory time were kept constant throughout the experiment. Results: There were no differences in gas exchange (PaO2 and PaCO2, cardiac output or oxygen delivery (DO2 between VCV and PCV. The same was observed regarding maximum airway and plateau pressures, and also to the static compliance. Oxygen consumption (VO2 after neuromuscular blockade was 124 ± 48 in VCV versus 143 ± 50 ml/min in PCV, p = 0.42. In the assisted mode, there was a statistical trend of a higher VO2 in PCV (219 ± 72 versus 154 ± 67 ml/min in VCV, p = 0.06, that was associated with a statistical trend of a higher oxygen cost of breathing (OCB during assisted PCV, although without statistical significance (31 ± 77 in VCV versus 75 ± 96 ml/min in PCV, p = 0.23, and also in a lower PvO2 (34 ± 7 in PCV versus 42 ± 6 ml/min in VCV, p = 0.02. These occurred despite a higher maximum inspiratory flow in the assisted mode in PCV (58 ± 9 versus 48 ± 4 L/min in VCV, p = 0.01. In both VCV and

  15. [Takayasu's disease disclosed by isolated involvement of the ascending aorta].

    Science.gov (United States)

    Marcaggi, X; Courant, N; Soubrier, M; Kemeny, J L; Camilleri, L; Lusson, J R; Cassagnes, J

    1992-03-01

    The authors report the histological discovery of a case of Takayasu syndrome affecting the ascending aorta. This involvement appearing to concern only the aorta, with no symptomatic complaints nor any laboratory abnormalities indicative of an inflammatory syndrome, corticosteroids were not prescribed. Management consisted of biennial monitoring by transthoracic and transesophageal ultrasonography of the aorta and the supra-aortic main vessels together with monitoring of laboratory parameters.

  16. Apendicite aguda: modelo experimental em coelhos Acute appendicitis: model experimental in rabbits

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    João EBRAM-NETO

    2000-04-01

    Full Text Available Com objetivo de estudar experimentalmente as diversas fases evolutivas da apendicite aguda, foram utilizados 60 coelhos (Oryctogalus cuniculus, fêmeas, da linhagem Nova Zelândia, com peso variando de 2510 a 3040 gramas. Os animais foram divididos em dois grupos denominados controle e experimento, e estes subdivididos em três subgrupos com períodos de observação de 12, 24 e 48 horas. No grupo experimento foi realizada a oclusão do lume apendicular por meio de sutura seromuscular circular a 8 cm da extremidade distal do apêndice cecal, com fio de polipropileno 4-0. No controle foi feita somente a simulação da cirurgia. Os aspectos macroscópicos (aumento do tamanho, necrose, perfuração, aderência e secreção na cavidade abdominal bem como os microscópicos do grupo experimento, evidenciaram uma progressão das alterações anatomopatológicas mostrando haver uma relação entre a intensidade dos achados histopatológicos e o tempo de observação. Conclui-se que o método utilizado causa apendicite aguda com alterações anatomopatológicas distintas, de acordo com a fase evolutiva da doença.The evolving phases of acute appendicitis were studied experimentally. Sixty female rabbits (Oryctogalus cuniculus of New Zealand lineage weighing about 2510 to 3040 g were divided in two groups: a control group and experimental group. The experimental group was divided into three subgroups for observation after 12, 24 and 48 hours of the operation, that consisted on a 4-0 polypropylene circular suture at 8 cm from the distal part of the cecal appendix. The control group was sham operated. The macroscopic exam (increase of the appendix volume, necrosis, perfuration, adherence and secretion in the abdominal cavity and the microscopic finding showed a progression in the anatomopathological alterations. There was a close relationship between the histopathological findings and time after the appendiceal obstruction. We conclude that the method

  17. Infección aguda por el VHC

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    A. Martínez Echeverría

    Full Text Available La infección aguda por el virus C de la hepatitis produce un cuadro clínico y bioquímico no específico e indistinguible de los causados por otros virus hepatotropos. El diagnóstico específico de la hepatitis aguda por virus C se basa en la detección en sangre del RNA-VHC mediante una técnica de reacción en cadena de la polimerasa cuyo resultado será positivo a partir de 1-2 semanas tras el contacto inicial con el virus. Los anticuerpos frente al VHC se detectan más tardíamente (a las 7-8 semanas por término medio no siendo útiles, como determinación aislada, para distinguir infección aguda de infección crónica o aclaramiento del virus (espontáneo o tras tratamiento. El 55-85% de los pacientes con infección aguda por el VHC no aclaran el virus y desarrollan una infección crónica con riesgo de evolución a cirrosis y de desarrollo de hepatocarcinoma. Por ello, la tendencia actual es tratar con interferón a todos aquellos pacientes en los que el RNA-VHC se mantenga positivo más allá de 3-4 meses tras el diagnóstico de la infección aguda.

  18. Trombose da Veia Renal no Recém-Nascido Caso Clínico

    OpenAIRE

    Gomes, Clara; Neves, Farela; Correia, António Jorge

    2014-01-01

    A trombose da veia renal é uma doença potencialmente fatal ocorrendo mais frequentemente no período neonatal. Além da terapêutica da fase aguda,estas crianças exigem um seguimento posterior pois as sequelas como hipertensão arterial, insuficiência renal e atrofia renal são frequentes.Descrevemos o caso dum recém-nascido com trombose da veia renal esquerda que evoluiu bem na fase aguda, mas que posteriormente veio acondicionar atrofia renal importante desse lado.

  19. AORTA: Adding Organizational Reasoning to Agents

    DEFF Research Database (Denmark)

    Jensen, Andreas Schmidt; Dignum, Virginia

    2014-01-01

    the expected behavior of the agents. Agents need to be able to reason about the regulations, so that they can act within the expected boundaries and work towards the objectives of the organization. This extended abstract introduces AORTA, a component that can be integrated into agents’ reasoning mechanism......, allowing them to reason about (and act upon) regulations specified by an organizational model using simple reasoning rules. The added value is that the organizational model is independent of that of the agents, and that the approach is not tied to a specific organizational model....

  20. Necrose tubular aguda e anemia grave após uso intermitente de rifampicina

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Eduardo Santos

    2013-03-01

    Full Text Available A rifampicina (RFP pode ser administrada diariamente ou num esquema intermitente. Quando é administrada de forma intermitente pode produzir reações imuno-alérgicas graves. Apresentamos o caso clínico de um pa-ciente que, após tratamento com RFP de forma intermitente para uma infeção por Mycobacterium intracellulare, desenvolveu quadro de necrose tubular aguda, anemia, prolongamento dos tempos de coagulação e citó-lise hepática ligeira. Após suspensão do fármaco houve recuperação em 24h das alterações da coagulação e da citólise hepática, tendo tido no entanto necessidade de hemodiálise por persistência de anúria e uremia, e transfusão de concentrados de eritrócitos pela gravidade da anemia. Teve alta com recuperação de todas as disfunções.

  1. Insuficiência renal aguda em paciente tratada com ATRA e anfotericina B: relato de caso

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Gelcimar Moresco

    2011-06-01

    Full Text Available O presente relato apresenta o caso clínico de uma paciente com leucemia promie-locítica aguda tratada com ácido todo-transretinoico (ATRA, que apresentou suspeita de síndrome do ácido transreti-noico (síndrome de ATRA. Com a ocor-rência de leucopenia febril inespecífica, foram associados ao tratamento antimi-crobianos e antifúngicos. A diminuição da função renal, observada inicialmente, contribuiu para a suspeita de síndrome de ATRA, que foi agravada pelos antifúngi-cos. Assim, o uso de ATRA foi suspenso, mas somente 8 dias depois foi caracteriza-da pneumonia e descartada a hipótese de síndrome de ATRA. Nesse contexto, foi discutida a nefrotoxicidade do ATRA e a potencialização desse efeito adverso pelo uso de antifúngicos nefrotóxicos, em par-ticular da anfotericina B, assim como a im-portância do diagnóstico diferencial entre síndrome de ATRA e doença infecciosa.

  2. RETENÇÃO URINÁRIA AGUDA NUM RECÉM-NASCIDO – CASO CLÍNICO

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ana Coelho

    2016-07-01

    Comentários: As massas pélvicas, na população pediátrica, podem ser congénitas e ter uma origem muito variada. A sua apresentação clínica normalmente relaciona-se com a etiologia, o tamanho e a localização. Neste caso clínico, a retenção urinária aguda, foi provocada pela presença de uma massa cística pélvica a causar compressão da uretra. A RM, os níveis de AFP e o relato cirúrgico fazem com que o diagnóstico mais provável seja o teratoma sacrococcígeo, apesar de um resultado inespecífico na anatomia patológica. O prognóstico normalmente é bom, e depende do tamanho do tumor e da resseção cirúrgica imediata e completa. Perante um recém-nascido com uma retenção urinária aguda a investigação diagnóstica e orientação terapêutica devem ser imediatas.

  3. Custos hospitalares das cefaléias agudas em uma unidade de emergência pública brasileira

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    BIGAL MARCELO E.

    2000-01-01

    Full Text Available Cefaléia é uma das queixas mais freqüentes na prática médica e causa bastante comum de atendimento em unidades de emergência, implicando custos consideravelmente altos. Foram estudados retrospectivamente os casos de cefaléia atendidos na Unidade de Emergência do Hospital das Clinicas de Ribeirão Preto (UE no ano de 1996. Neste ano, 1254 pacientes procuraram a UE com queixa de cefaléia aguda, sendo que 64 necessitaram de internação. O custo estimado com o atendimento, investigação e tratamento clínico das cefaléias agudas foi da ordem de R$ 138,573.31 (US$ 76,985.17. Os gastos apenas com exames laboratoriais foram R$ 23,801.54 (US$ 13,223.07. Os custos cirúrgicos foram R$ 5,817.90 (US$ 3,232.17. Os custos totais foram RS$ 144,391.21 (US$ 80,217.34, o que equivale a R$ 115,14 (US$ 63.97 por paciente. Tais cálculos estimulam discussão adicional acerca de custos e eficácia do modelo de saúde vigente, em que os recursos financeiros são precários e as necessidades da população dependente do estado são proporcionalmente maiores.

  4. Parasternal approach for redo in ascending aorta pseudoaneurysm Abordagem paraesternal para refazer um pseudo-aneurisma aórtico

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Guillermo Nuncio Vaccarino

    2008-06-01

    Full Text Available Aortic ascending pseudoaneurysm is a rare complication following aortic root surgery. The surgical solution of the complication is rather demanding and complex, especially when reaching the mediastinum. The latter translates into an elevated morbidity and mortality. We present a case performed through a minimal anterior right thoracotomy, which allowed us to dissect between the pseudoaneurysm and the internal site of the sternum as a first step prior to a second esternotomy. By using this approach, we minimized bleeding risks and the possibility of aortic rupture. This technique could have the potential to be generally applicable in this complication after further evaluation.Pseudo-aneurisma na parte ascendente da aorta é uma complicação rara após cirurgia da raiz da aorta. A solução cirúrgica é bastante exigente e complexa, especialmente quando chega ao mediastino. Esta parte última se traduz em elevada morbidade e mortalidade. Apresentamos um caso realizado por meio de uma toracotomia direita anterior mínima, que nos permitiu dissecar entre o pseudo-aneurisma e o sítio interno do esterno como um passo inicial, antes de uma segunda esternotomia. Ao usar essa abordagem, minimizamos os riscos de hemorragia e a possibilidade de um rompimento da aorta. Essa técnica tem o potencial para ser aplicável amplamente nessa complicação, após avaliação ulterior.

  5. Insuficiência renal aguda em pacientes com sepse grave: fatores prognósticos = Acute renal injury in patients with severe sepsis: prognostic factors

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Okamoto, Thábata Yaedu

    2012-01-01

    Conclusões: A insuficiência renal aguda foi ocorrência comum nos pacientes com sepse, fazendo parte de um quadro de disfunção de múltiplos órgãos e sistemas, particularmente nos pacientes com diagnóstico de choque séptico, estando associada a aumento da probabilidade de morte nesses pacientes graves. O uso de drogas vasoativas foi o único fator de risco para mortalidade em pacientes com sepse e insuficiência renal aguda que se manteve na análise multivariada. Estes resultados apontam para a importância do tratamento precoce dos quadros de sepse grave a tempo de prevenir a evolução para choque séptico e para insuficiência renal

  6. A importância do perfil clínico-laboratorial no diagnóstico diferencial entre malária e hepatite aguda viral

    OpenAIRE

    Amaral Cacyane Naiff do; Albuquerque Yael Duarte de; Pinto Ana Yecê das Neves; Souza José Maria de

    2003-01-01

    OBJETIVOS: Destacar o perfil clínico-laboratorial de malária e hepatite aguda viral em dois grupos de crianças, ressaltando semelhanças e diferenças entre os dois quadros; subsidiar o aumento da sensibilidade clínica de presunção diagnóstica precoce de malária na infância. MÉTODOS: Foram estudados dois grupos de 30 crianças, de dois a dez anos de idade, portadoras de primo infecção malárica ou hepatite viral aguda, confirmados pela pesquisa de plasmódio e pesquisa de marcadores virais de hepa...

  7. Diverticulite aguda complicada tratada por cirurgia laparoscópica assistida com a mão (Hals: descrição da técnica e revisão da literatura Complicated diverticulitis operated with the hand assisted approach (Hals: description and literature review

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Guines Antunes Alvarez

    2006-09-01

    Full Text Available INTRODUÇÃO: A doença diverticular é freqüente em nosso meio e o tratamento clínico é suficiente para a grande maioria dos casos. No entanto, o tratamento cirúrgico fica reservado para as formas complicadas da doença, para o insucesso da terapia clínica e nos casos de imunossupressão. A cirurgia laparoscópica vem ganhando espaço como modalidade terapêutica na doença diverticular, diminuindo o tempo de internação e melhorando o resultado cosmético e funcional apesar de algumas dificuldades inerentes ao método. OBJETIVO: O objetivo dos autores é descrever a técnica de cirurgia laparoscópica assistida com a mão em dois casos de diverticulite complicada (um caso de fístula colo-vesical e outro de abscesso e rever a literatura mundial. RESULTADOS: Um paciente apresentando fístula colo-vesical foi submetido ao tratamento laparoscópico assistido com a mão (HALS. O tempo operatório foi de 183 minutos e a alta se deu no 4º. dia pós-operatório. Outro paciente, portador de abscesso diverticular, submetido ao mesmo método, com tempo operatório de 145 minutos, recebeu alta no 5º. dia pós-operatório. Não houve morbidade nem mortalidade. CONCLUSÃO: A técnica (Hals alia vantagens de ambos os métodos, parece ser mais rápida e segura permitindo o tratamento de diverticulite complicada. Mais estudos são necessários.The laparoscopic surgery for diverticular disease has become a very good alternative. The hand-assisted allows combining the advantages of conventional surgery such as tactile perception, masses mobilization without trauma, vascular control with the magnifying laparoscopic view. Difficult cases of diverticulitis can be treated with the hand-assisted approach. The authors revised the literature and describe the technique utilized in 2 cases of complicated diverticulitis. RESULTS: Two patients were operated on a hand-assisted approach. One had fistula with the bladder. The operative time was 183 minutes and

  8. Leucemia linfoblástica aguda em lactentes: 20 anos de experiência

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Amanda Ibagy

    2013-02-01

    Full Text Available OBJETIVO: Analisar pacientes com menos de dois anos de idade com leucemia linfoblástica aguda atendidos no período de 1990 a 2010, em um centro de referência estadual. MÉTODOS: Estudo clínico, epidemiológico, transversal, descritivo e observacional. Pacientes incluídos tinham menos de dois anos de idade, com leucemia linfoblástica aguda, tratados no período de 1990 a 2010 na unidade de oncologia pediátrica de um centro de referência estadual, totalizando 41 casos. RESULTADOS: Todos os pacientes eram Caucasianos e 60,9% eram do sexo feminino. Com relação à idade, 24,38% tinham menos de seis meses, 17,07% tinham entre seis meses e um ano e 58,53% mais do que um ano de idade. A idade de seis meses foi estatisticamente significante para o desfecho de óbito. Os sinais e sintomas predominantes foram febre, hematomas e petéquias. Uma contagem de leucócitos superior a 100.000 foi observada em 34,14% dos casos; hemoglobina inferior a 11 em 95,13% e contagem de plaquetas inferior a 100.000, em 75,61% dos casos. Infiltração do sistema nervoso central estava presente em 12,91% dos pacientes. Em relação à linhagem, a linhagem B predominou (73%, mas a linhagem de células T foi estatisticamente significativa para o óbito. Trinta e nove por cento dos pacientes tiveram recorrência da doença. Em relação ao estado vital, 70,73% dos pacientes morreram, sendo choque séptico a principal causa. CONCLUSÕES: leucemia linfoblástica aguda em crianças tem uma alta taxa de mortalidade, principalmente em crianças menores de um ano e linhagem derivada de células T.

  9. Biological diversity variations of pediatric acute leukemia in Brazil: contribution of immunophenotypic profiles to epidemiological studies Diversidades biológicas da leucemia aguda em crianças no Brasil: contribuição de perfis imunofenotípicos para estudos epidemiológicos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria S. Pombo-de-Oliveira

    2005-03-01

    Full Text Available We describe the demographic and biological characteristics of 1,459 children with acute leukemia in Brazil to compare the effect of immunophenotypic differences with environmental factors that might be involved in the etiology of acute lymphoblastic leukemia (ALL. Combined morphological and immunological classifications were available for 96% of cases. Of these, 55% were B cell precursor ALL comprising pro-B ALL and c-ALL, 15% T-ALL and 1.6% mature B-ALL. The proportion of Bp and T-ALL differed by race with 59% of whites being Bp-ALL and 60.7% of non-whites being T-ALL. Further inspection of these data revealed that the proportions of whites in each type (Bp/T-cell ALL are almost identical in older children (60.3% and 59.3% respectively but differ substantially in younger cases (Os autores descrevem as características biológicas de 1.459 crianças com leucemias agudas no Brasil, para comparar os efeitos de diferentes perfis imunofenotípicos com fatores ambientais que podem estar associados à etiologia das leucemias linfoblásticas agudas (LLA. As classificações morfológicas e imunofenotípicas combinadas foram aplicadas em 96% dos casos. Nestes, 55% foram classificados como LLA de células B precursoras (LLA-Bp que compreendem LLA-pro-B e LLA-comum, 15% LLA-T, e 1,6% LLA-B. A proporção de LLA-Bp e LLA-T difere entre si quanto à raça, com 59% das LLA-Bp em crianças brancas, enquanto 60,7% LLA-T em crianças não-brancas. No entanto, as análises proporcionais de brancos versus não brancos para cada subtipo, quando ajustadas por idade, são semelhantes em crianças maiores de 6 anos (60,3% LLA-Bp e 59,3% LLA-T, mas diferem substancialmente em crianças menores, com 63,6% de LLA-Bp e 37,3% de LLA-T em brancos (0,0001. Estes resultados são consistentes com excesso de LLA-Bp em crianças brancas mais jovens, embora a distribuição entre LLA-Bp e LLA-T em cada região seja semelhante sem significado estatístico. As taxas de incid

  10. Dynamic Morphology of the Aorta. Pre- and postoperative imaging

    NARCIS (Netherlands)

    van Prehn, J.

    2009-01-01

    With endovascular treatment of the aorta a folded covered stentgraft is introduced in the aorta via the femoral arteries. Adequate pre-operative planning is necessary to allow for proper stentgraft sizing. Stentgrafts should be adequately oversized to ensure good apposition to the aortic wall and pr

  11. Stent migration during transcatheter management of coarctation of aorta.

    Science.gov (United States)

    Kannan, Bhava R J; Srinivasan, Muthusamy

    2012-02-15

    A 13-year-old girl underwent endovascular stent placement for coarctation of aorta. The fully expanded stent migrated to ascending aorta which could be stabilized, recrimped, and repositioned with a 20-mm goose neck snare. Postdilatation was performed from the left brachial route resulting in a good outcome.

  12. Coil embolization of an anastomotic leak after ascending aorta replacement

    DEFF Research Database (Denmark)

    Nørgaard, Anders; Andersen, Lars Ib; Haahr, P.E.

    2008-01-01

    Surgical treatment of diseases of the thoracic aorta (aneurysms, dissections, and ruptures) may be associated with serious postoperative complications. Endovascular repair of thoracic aorta pathology is less invasive and offers a therapeutic alternative in high-surgical-risk patients, particularly...... accepted--embolization with endovascular coils--successfully resulting in occlusion of the leakage....

  13. Morphological description of collateral branches from the abdominal aorta of lesser anteater (Tamandua tetradactyla

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Breno Costa Macedo

    2013-03-01

    Full Text Available Tamandua tetradactyla, Xenarthra, is a native species from South America which, due to the few number of studies on its biology, still has many unknown aspects in its morphology. Taking into account the importance of morphological data for various studies, this paper aimed to elucidate the branching of the abdominal aorta in this species to foster the development of further studies. To do this, 4 specimens were used, 2 male and 2 female, all young, from the Bauxite Mine – Paragominas, Para, Brazil, donated after death due to running over to the Animal Morphology Research Laboratory (LaPMA of Universidade Federal Rural da Amazonia (UFRA. The arterial system was filled with contrasted latex and the animals were fixed in a formaldehyde solution (10%, and then dissected, in order to evidence the abdominal aorta and its collateral branches. The parietal branches consisted of 1 pair of caudal phrenic arteries, 2 pairs of intercostal arteries, and 3 pairs of lumbar arteries. Among the visceral branches, stood out: celiac artery; cranial mesenteric artery; adrenal arteries; renal arteries; caudal mesenteric artery; and external, internal, and median sacral iliac arteries, formed from the final portion of the abdominal aorta. Testicular and ovarian arteries originated from the renal arteries, differing from that described in various species.

  14. Anestesia para intervenção cirúrgica endovascular na aorta abdominal Anestesia para intervención quirúrgica endovascular en la aorta abdominal Anesthesia for endovascular surgery of the abdominal aorta

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Michelle Nacur Lorentz

    2008-10-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: O procedimento endovascular para correção de aneurisma de aorta é menos invasivo que o convencional, além de apresentar outras vantagens, como ausência de incisão abdominal, ausência de pinçamento da aorta e menor tempo de recuperação pós-operatória. Por se tratar de procedimento cirúrgico relativamente novo e apresentar uma série de alterações que devem ser conhecidas pelo anestesiologista foi realizado este trabalho com o objetivo de revisar os aspectos mais relevantes do procedimento endovascular e possibilitar manuseio anestésico mais adequado no perioperatório. CONTEÚDO: Apresentação sucinta da técnica cirúrgica para reparo de aneurismas via endovascular, as possíveis vantagens e desvantagens do procedimento, bem como as complicações potenciais. Além disso, foram abordados os cuidados perioperatórios que o procedimento exige e as técnicas anestésicas que podem ser utilizadas. CONCLUSÕES: O conhecimento das alterações provenientes do procedimento endovascular possibilita conduta anestésica mais adequada e melhora dos resultados perioperatórios nesses pacientes.JUSTIFICATIVA Y OBJETIVOS: El procedimiento endovascular para la corrección del aneurisma de aorta es menos invasivo que el convencional, además de presentar otras ventajas como la ausencia de incisión abdominal, ausencia de pinzamiento de la aorta y un menor tiempo de recuperación postoperatoria. Por tratarse de un procedimiento quirúrgico relativamente nuevo y por presentar una serie de alteraciones que deben ser conocidas por el anestesiólogo, se realizó este trabajo con el objetivo de revisar los aspectos más relevantes del procedimiento endovascular y posibilitar el manejo anestésico más adecuado en el perioperatorio. CONTENIDO: Sencilla presentación de la técnica quirúrgica para la cura de aneurismas vía endovascular, las posibles ventajas y desventajas del procedimiento, como también las complicaciones

  15. Esquistossomose aguda autóctone de foco na cidade do Rio de Janeiro: estudo de 22 casos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    J. Rodrigues Coura

    1970-12-01

    Full Text Available Os autores descrevem a ocorrência de um verdadeiro "surto" da forma aguda da esquistossomose mansoni em um foco cujas características da espécie vetora, seus índices de infecção, a natureza e o local da exposição nada faziam supor esta possibilidade. Foram estudados 22 pacientes (14 crianças e 8 adultos com a forma aguda da esquistossomose contraída em banho nas Furnas da Tifuca, no Rio de Janeiro, no período de 9 a 22 de março de 1970. Todos os pacientes eram de côr branca e de bom nível social e foram infectados em banho único, ocasional, durante piquenique nesse logradouro. As manifestações clínicas foram severas em 7 casos, moderados em outros 7 e discretos cm 8, caracterizando-se por febre em 17 casos, hepatomegalia em 14, tosse seca em I3,astenia em 13, diarréia em 12, emagrecimento em 11 casos, colicas abdominais em 9, espienomegalia em 9, cefalèia em 7 casos e nauseas e vômitos em 3. O hemogrcima mostrou leucocitose e eosinofilia na grande maioria, dos casos e na eletroforese das proteínas séricas houve uma baixa da albumina, aumento das gíobulinas alfa 2 e gama em alguns casos. As transaminases estavam normais em todos. O período ds incubação medio foi de 5 semanas. Após fazerem uma revisão sumária dos focos de esquistossomose no Estado da Guanabara, estudam a dinâmica da transmissão neste foco , recente camitendo a transmissão a distância do foco por carreamento das cercarías ou de seu hapedeiro intermediário pela água.

  16. Miopia aguda induzida por topiramato: relato de dois casos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Kathy Dadam Sgrott

    2011-06-01

    Full Text Available RESUMO A miopia aguda pode ser desencadeada pelo uso de medicações sistêmicas, dentre elas, o anticonvulsivante topiramato. Este trabalho descreve dois casos de pacientes jovens com quadro agudo bilateral de miopia induzida por terapia com topiramato para controle de síndrome depressiva, fazendo relação com casos semelhantes descritos na literatura e revisão bibliográfica pertinente.

  17. ANEMIA AGUDA DE NOVO: O MESMO SINAL, DIFERENTES ETIOLOGIAS

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Inês Falcão

    2015-12-01

    Conclusão: Na investigação etiológica de uma anemia aguda grave é fundamental a sua caracterização correta com base em todos os parâmetros hematológicos disponíveis. O diagnóstico assertivo é fundamental, atendendo às diferentes implicações no que diz respeito à abordagem, orientação e prognóstico.

  18. Toxicología aguda del D-004 en conejos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ariadne Gutiérrez Martínez

    2007-01-01

    entre los grupos tratados y el control en ninguno de los sexos. El D-004 presentó una toxicidad intrínseca baja, al mostrar una DL50 superior a los 2 000 mg/kg de peso corporal, dosis con la que no se evidenciaron signos indicativos de toxicidad en ninguno de los sexos, por lo que su toxicidad se puede declarar como no clasificable según el método de las clases de toxicidad aguda.

  19. Assessment of acute and subchronic oral toxicity of ethanolic extract of Pothomorphe umbellata L. Miq (Pariparoba Avaliação da toxidade oral aguda e subcrônica de extrato etanólico de Pothomorphe umbellata L. Miq. (Parapiroba

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Sonia Barros

    2005-03-01

    Full Text Available There is a high degree of concern regarding the secure use of plant extracts and, for this very reason, preclinical and clinic toxicological evaluation of these extracts are needed. With the aim to assure the quality and the safety of the extract and due to the scarcity of literature information about Pariparoba extract toxicity, our purpose was to investigate the acute and subchronic toxicity of the standardized ethanolic dried root extract of Pothomorphe umbellata L. Miq. This extract was administered orally to adult swiss mice and wistar rats and the mutagenic potencial of the extract was also evaluated. The extract showed to be non toxic.Existe uma grande preocupação quanto ao uso seguro de extratos vegetais e, por esta razão, a necessidade de estudos toxicológicos pré-clínicos e clínicos destes extratos. O objetivo deste trabalho foi o de avaliar a toxicidade aguda e subcrônica do extrato hidroalcoólico liofilizado de Pothomorphe umbellata L. Miq., administrado por via oral para animais de laboratório. O potencial mutagênico do extrato foi também avaliado pelo teste do micronúcleo. Os resultados dos estudos a curto e médio prazo demonstraram que o extrato não apresenta propriedades tóxicas.

  20. 大鼠主动脉和肠系膜动脉多巴胺受体DA1 亚型和年龄变化的关系%Age-dependent changes of dopamine DA1 receptors in aortas and mesenteric arteries of rats

    Institute of Scientific and Technical Information of China (English)

    鲍荣凤; 鲍萍萍; 赵荣瑞

    2003-01-01

    目的和方法采用离体血管环方法,用DA1受体的特异性激动剂Fenoldpam(FODA)和特异性拮抗剂Sch-23390,检测和分析了DA1受体在大鼠不同年龄段的生长发育和演变情况,借以阐明外周DA1受体与年龄变化的关系.结果 FODA引起的离体主动脉的舒张反应,以3月龄大鼠的舒张反应最强, 10 d龄和18月龄大鼠主动脉较3月龄大鼠的主动脉的舒张百分比均有明显下降趋势,三组大鼠的最大舒张百分比(Emax)分别为10 d龄48.77±6.03(P<0.05)、3月龄98.11±7.02、18月龄56.23±5.79(P<0.05).10 d龄及18月大鼠的FODA累积浓度-舒张反应曲线均明显右移.其主动脉的ED50分别为5.62×10-4 mol/L和1.58×10-4 mol/L明显大于3月龄组大鼠的ED50 (P<0.05).10 d龄及18月龄大鼠肠系膜动脉的最大舒张百分比(Emax)显著小于3月龄大鼠,分别为60.32±7.02(P<0.05)和69.59±10.71(P<0.05),ED50分别为6.65×10-4(P<0.05)和3.98×10-5(P<0.05),明显大于3月龄组大鼠的ED50.结论①外周DA1受体在新生及幼鼠数量较少,可能与个体发育尚未成熟有关.②外周DA1受体与中枢多巴胺受体相似,也有明显的年龄依赖性特征,也随着老龄化而有明显下调趋势.③外周多巴胺受体的年龄相关性影响,提示多巴胺类药物对不同年龄段患者的效果可能有所不同,应引起临床用药的注意.

  1. Coréia aguda na gravidez Acute chorea in pregnancy: comments on twelve consecutive cases

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Walter C. Pereira

    1967-12-01

    Full Text Available São apresentados doze casos de coréia aguda observados entre 150.000 gestantes (1/12.500. A maioria dos surtos ocorreu no segundo trimestre da primeira gravidez. A duração média dos sintomas foi de três meses, não tendo sido registrado caso algum de óbito materno. Todos os partos foram espontâneos e normais. Houve apenas um óbito fetal conseqüente a choque hemorrágico. São tecidas considerações a propósito dos aspectos clínico, laboratorial e prognóstico da coréia gravídica, sendo focalizado mais pormenorizadamente o problema fisiopatogênico dessa afecção.Twelve consecutive cases of acute chorea occurring among 150.000 pregnant women (1/12.500 are reported. Most of the cases occurred from the fourth do the sixth month of the first pregnancy. The average duration of the symptoms was of three months and no one case of maternal death was verified in the group. The deliveries were spontaneous and normal in all the patients. Only one case of fetal death occurred in consequence of a hemorragic shock. Comments are made on the clinical, laboratorial and prognostic features of chorea gravidarum, being particulary focused the physiopathogenic problem of this condtion.

  2. COARCTATION OF AORTA AND TAKAYASU ARTERITIS FOR LSCS: ANAESTHESIA MANAGEMENT

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rashmi

    2015-10-01

    Full Text Available Coarctation of aorta is a congenital disorder with 5-10% incidence. It occurs in about 1 in 10,000 births .It may remain asymptomatic till adulthood. During pregnancy, early gestational hypertension is the presenting sign. Difference in blood pressure in upper and lower limb is a characteristic finding of coarctation of aorta. Association of bicuspid aortic valve and ventricular septal defect is seen in 50% patients of coarctation. Major cardiovascular complications are infrequent but continue to be a source of concern for patients with coarctation who become pregnant. Coarctation of aorta commonly located at the junction of the arch of aorta and proximal descending aorta at the level of ductal structure, may be diagnosed for the first time during pregnancy. Dilatation and dissection of the aorta can lead to increased maternal mortality; significant stenosis is a contraindication to pregnancy. However, successful pregnancies have been reported in women with uncorrected coarctation if preconception risk stratification is done. Here is a case of LSCS with coarctation of aorta and Takayasu arteritis done successfully under epidural anaesthesia.

  3. Injúria renal aguda: um alerta global Acute kidney injury: a global alert

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Philip Kam Tao Li

    2013-03-01

    Full Text Available A Injúria Renal Aguda (IRA é cada vez mais prevalente nos países desenvolvidos e nos em desenvolvimento, e está associada com morbidade e mortalidade severas. A maioria das causas da IRA pode ser evitada por meio de intervenções em nível individual, comunitário, regional e intra-hospitalar. Medidas efetivas devem incluir, em toda a comunidade, os esforços para aumentar a consciência dos efeitos devastadores do IRA e fornecer orientações sobre as estratégias de prevenção, bem como o reconhecimento e tratamento precoces. Os esforços devem ser focados em minimizar as causas de IRA, aumentando a consciência da importância de medidas seriadas de creatinina sérica em pacientes de alto risco para IRA, e documentar o volume de urina em pessoas gravemente doentes para obtenção de diagnóstico precoce; até o momento, não há ainda um papel definitivo para outros biomarcadores. Há a necessidade de protocolos para sistematizar a conduta em condições de IRA pré-renal e em infecções específicas. Dados mais precisos sobre a verdadeira incidência e o impacto clínico da IRA ajudarão a melhor conhecer a importância desta doença, a aumentar o conhecimento de IRA por parte dos governantes, dos médicos em geral e de outros profissionais de saúde para ajudar na prevenção da doença. A prevenção é a chave para evitar a pesado ônus de mortalidade e morbidade associada com IRA.

  4. Acute renal failure after rifampicin Insuficiência renal aguda por rifampicina

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Adriana Weinberg

    1984-12-01

    Full Text Available A patient with miliary tuberculosis and a chronic urogenital focus is described, who had a borderline renal function at diagnosis and developed overt renal failure upon daily treatment with rifampin (RMP, isoniazid (INH and ethambutol (EMB. This is the first Brazilian report of BMP induced renal damage. A renal biopsy taken on the third day of oliguria showed recent tubular necrosis with acute interstitial inflammation and granuloma formation. The aspect of the granulomatous lesion hightly suggested drug etiology because of the lack of palisading, high incidence of neutrophils and absence of facid-fast bacilli. This is the first presentation of an acute granulomatous interstitial nephritis probably due to RMP. Furthermore the pathogenesis of the renal damage caused by tuberculosis and RMP are discussed.Apresentamos um paciente com tuberculose miliar a partir de um foco crônico urogenital. Em sua entrada no hospital tinha uma função renal limítrofe e desenvolveu franca insuficiência renal na vigência da terapêutica específica constituída por RMP, INH e EMB. Bióp-sia renal realizada no 3° dia de uremia revelou necrose tubular recente, com inflamação intersticial aguda, permeada por granulomas. As formações granulomatosas foram altamente sugestivas de reação alérgica à droga devido à ausência de paliçadas, alta incidência de neutrófilos e o não encontro de bacilos-álcool-ácido-resistentes. Esta é a primeira descrição de nefrite intersticial granulomatosa provavelmente causada pela RMP. São discutidos os principais aspectos fisiopatogênicos da insuficiência renal causada pela tuberculose acrescida dos efeitos nefrotóxicos da RMP.

  5. [Endovascular repair for coarctation of the aorta in an adult].

    Science.gov (United States)

    Hayashi, Jun; Abe, Kazuo; Hata, Masaki; Nagano, Naoko; Hamasaki, Azumi; Suzuki, Kenji

    2013-09-01

    A 27-year-old woman with Turner's syndrome who underwent successful endovascular treatment for coarctation of the aorta is presented. She was admitted to our hospital complaining of upper extremity hypertension. Computed tomography revealed discrete stenosis of the proximal descending aorta and developed collateral circulation. After endovascular repair with a balloon expandable stent, her transcoarctation gradient fell from 44 mmHg preoperatively to less than 10 mmHg. She was discharged with no complications on the 7th postoperative day. Coarctation of the aorta in an adult patient could be safely and effectively managed by endovascular treatment.

  6. Progressão de policitemia Vera para leucemia mieloide aguda

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marcelo Gil Cliquet

    2016-10-01

    Full Text Available Introdução: A Policitemia Vera (PV é um distúrbio clonal caracterizado pela hiperplasia de células hematopoiéticas, com acúmulo de eritrócitos, leucócitos e plaquetas. A mutação pontual JAK2 V617F parece ser o evento inicial da doença, presente em mais de 95% dos pacientes. Com a evolução da doença, há risco de progressão para leucemia mieloide aguda/ síndrome mielodisplásica (LMA/SMD. A transformação leucêmica pode ser espontânea em razão da idade, estágio da doença, estado imunológico ou associada com a terapia citoredutora, principalmente quando se usa alquilantes. Objetivo: Relatar o caso e um paciente com diagnóstico de PV há 19 anos com evolução para LMA há 8 meses. Métodos: As informações foram obtidas por meio de revisão do prontuário, entrevista com o paciente, registro fotográfico de exames e revisão da literatura. Relato: Paciente masculino, 81 anos, hipertenso, teve diagnóstico de PV em 1997, segundo critérios da OMS. No hemograma, concentração de hemograma(Hb de 18,2 g/dl, Heritrócito de 58,5%, leucócitos(leuc = 18.100/mm3 e plaquetas(plt = 64.800/mm3. Apresentava esplenomegalia a 4cm do rebordo costal esquerdo, fraqueza, cansaço e edema em membros inferiores. Paciente foi tratado com Hydroxiureia. O exame molecular de sangue periférico, em 2013, constatou a presença de mutação JAK2 (Val617Phe. Em Março de 2016, apresentou leuc de 86.400/mm3, plt de 152.000, Hb de 10,4g/dl. A imunofe- notipagem confirmou diagnóstico de LMA e o tratamento com Aracytin 20mg SC por sete dias foi iniciado. O paciente evoluiu com piora do estado geral, fraqueza, e infecção em membro inferior, vindo a falecer. Conclusão: Deve- se lembrar sobre a possibilidade da evolução da PV para LMA, mesmo em pacientes em tratamento por longos períodos em uso de hidroxiureia.

  7. Comparação entre os efeitos hemodinâmicos da intoxicação aguda com bupivacaína racêmica e a mistura com excesso enatiomérico de 50% (S75-R25: estudo experimental em cães Comparación entre los efectos hemodinámicos de la intoxicación aguda con bupivacaína racémica y la mezcla con exceso enatiomérico de 50% (S75-R25: estudio experimental en perros Comparison of the hemodynamic effects in acute intoxication with racemic bupivacaine and with 50% enantiomeric excess mixture (S75-R25: an experimental study in dogs

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Artur Udelsmann

    2006-08-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: A bupivacaína racêmica tem sido largamente utilizada em bloqueios locorregionais pela qualidade e duração da anestesia proporcionada. Sua toxicidade cardiovascular, no entanto, já há muito preocupa os anestesiologistas e novas opções têm sido procuradas. Uma delas é a utilização do seu isômero levógiro que por uma menor afinidade com os receptores dos canais de sódio da célula cardíaca seria menos cardiotóxico. Em nosso meio há a apresentação contendo 75% do isômero levógiro e 25% do isômero dextrógiro, denominada mistura com excesso enantiomérico de 50% (S75-R25. O objetivo deste estudo foi comparar em animais os efeitos hemodinâmicos da intoxicação aguda com bupivacaína racêmica e com a mistura S75-R25. MÉTODO: Quarenta e quatro cães foram anestesiados com pentobarbital, intubados e ventilados mecanicamente, sendo em seguida instalada monitorização hemodinâmica com cateter de Swan-Ganz e pressão invasiva. Após repouso foram divididos de forma aleatória em dois grupos de estudo encoberto, segundo a intoxicação com um ou outro agente na dose de 5 mg.kg-1. Os resultados hemodinâmicos foram coletados durante 30 minutos, tratados estatisticamente permitindo a comparação da ação dos dois agentes. RESULTADOS: A mistura S75-R25 causou maiores repercussões hemodinâmicas, particularmente, com importante diminuição da pressão arterial média, do índice cardíaco e do índice de trabalho do ventrículo esquerdo. CONCLUSÕES: Esses resultados se opõem aos encontrados em humanos, quando da utilização do isômero levógiro puro, mas estão de acordo com estudos recentes em animais. Extrapolar dados obtidos em animais para seres humanos exige muita cautela. Novos estudos são necessários em amostras maiores e em grupos mais homogêneos.JUSTIFICATIVA Y OBJETIVOS: La bupivacaína racémica ha sido ampliamente utilizada en bloqueos locorregionales por la calidad y duración de la

  8. Acute renal failure after massive honeybee stings Insuficiência renal aguda após numerosas picadas de abelhas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Elizabeth De Francesco Daher

    2003-01-01

    Full Text Available Two clinical cases of patients who survived after numerous attacks of Africanized bees (600 and 1500 bee stings, respectively are reported. Clinical manifestation was characterized by diffuse and widespread edema, a burning sensation in the skin, headache, weakness, dizziness, generalized paresthesia, somnolence and hypotension. Acute renal failure developed and was attributed to hypotension, intravascular hemolysis, myoglobinuria due to rhabdomyolysis and probably to direct toxic effect of the massive quantity of injected venom. They were treated with antihistaminic, corticosteroids and fluid infusion. One of them had severe acute renal failure and dialysis was required. No clinical complication was observed during hospital stay and complete renal function recovery was observed in both patients. In conclusion, acute renal failure after bee stings is probably due to pigment nephropathy associated with hypovolemia. Early recognition of this syndrome is crucial to the successful management of these patients.Foram relatados dois casos clínicos de pacientes que sobreviveram a ataques maciços de abelhas africanizadas (600 e 1500 picadas. As reações caracterizaram-se por edema difuso e generalizado, sensação de queimação na pele, cefaléia, fraqueza, parestesia generalizada, sonolência e hipotensão. A insuficiência renal aguda desenvolveu-se, tendo sido atribuída à hipotensão, hemólise intravascular, mioglobinúria devido à rabdomiólise e provavelmente ao efeito tóxico direto da grande quantidade de veneno injetada. Os pacientes foram tratados com agentes anti-histamínicos, corticosteróides e reposição hídrica. Um paciente apresentou quadro grave de insuficiência renal aguda necessitando de tratamento dialítico. Nenhuma complicação clínica foi observada durante a internação e ambos evoluíram bem com recuperação completa da função renal. Assim, a insuficiência renal aguda após picadas de abelhas ocorre provavelmente

  9. PROTEÍNAS DE FASE AGUDA EM CÃES - REVISÃO DE LITERATURA

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    VIEIRA , Manuela Cristina

    2014-05-01

    Full Text Available In animals with disorder homeostasis due to infection, inflammation, tissue injury, cancer or immune disorder, there is an acute phase response (APR nonspecific. The APR is an immediate innate immune response, that produces protein mediators, they stand out among the acute phase proteins (APP, which are essential for the restoration of body homeostasis. After the stimulus generated by proinflammatory cytokines, particularly interleukin-1 (IL-1, interleukin-6 (IL-6 and tumor necrosis factor alpha (TNF-α, released by immune cells, the liver synthesizes and releases the majority of APP, which results in an increase in their bloodstream. Recent research has shown that the qualification and quantification of these proteins may aid diagnosis and provide valuable prognostic information and monitoring of diseases. Therefore, we present this review of the literature in order to describe the main PFA in small animals, and also update the veterinarians regarding the evaluation of these proteins in addition to the diagnosis, prognosis and monitoring treatment in dogs. Em animais com distúrbios na homeostase devido à infecção, inflamação, injúria tecidual, neoplasia ou desordem imunológica, há uma resposta de fase aguda (RFA inespecífica. A RFA é uma resposta imune inata imediata que produz mediadores proteicos, e entre eles se destacam as proteínas de fase aguda (PFA, que são indispensáveis para o restabelecimento da homeostasia corporal. Após o estímulo gerado pelas citocinas pró-inflamatórias, principalmente a interleucina-1 (IL-1, interleucina-6 (IL-6 e fator alfa de necrose tumoral (TNF-α, liberadas por células de defesa, o fígado sintetiza e libera a maioria das PFA, o que resulta no seu aumento na corrente sanguínea. Pesquisas recentes têm evidenciado que a qualificação e a quantificação destas proteínas podem subsidiar o diagnóstico e trazer valiosas informações prognósticas e de monitoramento de doenças. Portanto

  10. Magnetic resonance imaging of congenital abnormalities of the thoracic aorta

    Energy Technology Data Exchange (ETDEWEB)

    Soler, R.; Rodriguez, E.; Requejo, I.; Fernandez, R. [Department of Radiology, Hospital Juan Canalejo, La Coruma (Spain); Raposo, I. [Department of Pediatric Cardiology, Hospital Juan Canalejo, La Coruna (Spain)

    1998-05-01

    This article outlines the ability of MR imaging in the detection and presurgical evaluation of congenital abnormalities of the thoracic aorta (CATA). Congenital abnormalities of the thoracic aorta may be found incidentally on chest radiographs in patients without symptoms, or it can be associated with clinical findings which are very variable depending on the association with congenital cardiac malformations or vascular ring. When CATA is suspected as the cause of anomalies in the mediastinum in asymptomatic patients, confirmation of the abnormality should be by MR imaging allowing precise evaluation of the thoracic aorta and origin of the principal arteries. When CATA is considered because clinical findings indicate coarctation of the aorta, vascular ring or associated cardiac disorder, evaluation with ultrasound can be complemented by MR, which in most cases will replace the diagnostic catheterization. (orig.) With 12 figs., 24 refs.

  11. Endovascular management of recurrent adult coarctation of the aorta.

    Science.gov (United States)

    Kpodonu, Jacques; Ramaiah, Venkatesh G; Rodriguez-Lopez, Julio A; Diethrich, Edward B

    2010-11-01

    Traditional open surgical repair has proven to be an effective treatment for the management of primary and recurrent coarctation of the thoracic aorta. Potential complications at short-term and long-term follow-up have included recurrent coarctation, hypertension, premature coronary artery disease, cerebrovascular disease, and anastomotic pseudoaneurysm. Endovascular repair of recurrent coarctation of the thoracic aorta offers a less invasive treatment approach in potential high-risk surgical patients.

  12. Fase aguda da doença de Chagas na Amazônia brasileira: estudo de 233 casos do Pará, Amapá e Maranhão observados entre 1988 e 2005 Acute phase of Chagas disease in the Brazilian Amazon region: study of 233 cases from Pará, Amapá and Maranhão observed between 1988 and 2005

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ana Yecê das Neves Pinto

    2008-12-01

    Full Text Available Foram estudados 233 casos de fase aguda da doença de Chagas, oriundos do Pará, Amapá e Maranhão, observados no período de 1988 a 2005, cento e sessenta deles retrospectivamente de 1988 a 2002 e setenta e três prospectivamente de 2003 a 2005. Entre os casos estudados 78,5% (183/233 faziam parte de surtos provavelmente por transmissão oral, acometendo em média 4 pessoas e 21,5% (50/233 eram casos isolados. Foram considerados casos agudos aqueles que apresentaram exames parasitológicos diretos (a fresco, gota espessa ou Quantitative Buffy Coat - QBC e/ou IgM anti-Trypanosoma cruzi positivos. Foram feitos ainda xenodiagnósticos em 224 pacientes e hemoculturas em 213. Todos foram avaliados clinica e epidemiologicamente. As manifestações clínicas mais freqüentes foram febre (100%, cefaléia (92,3%, mialgia (84,1%, palidez (67%, dispnéia (58,4%, edema de membros inferiores (57,9%, edema de face (57,5% dor abdominal (44,2%, miocardite (39,9% e exantema (27%. O eletrocardiograma mostrou alterações de repolarização ventricular em 38,5% dos casos, baixa voltagem de QRS em 15,4% e desvio de SAQRS em 11,5%, extra-sístoles ventriculares em 5,8%, bradicardia em 5,8% e taquicardia em 5,8%, bloqueio de ramo direito em 4,8% e fibrilação atrial em 4,8%. A alteração mais freqüente vista no ecocardiograma foi o derrame pericárdico em 46,2% dos casos. Treze (5,6% pacientes evoluíram para o óbito, 10 (76,9% dos quais por comprometimento cardiovascular, dois por complicações de origem digestiva e um de causa mal definida.Two hundred and thirty-three cases of the acute phase of Chagas disease, from Pará, Amapá and Maranhão, were observed between 1988 and 2005. One hundred and sixty were studied retrospectively from 1988 to 2002 and seventy-three were prospectively followed up from 2003 to 2005. Among the cases studied, 78.5% (183/233 formed part of outbreaks, probably due to oral transmission (affecting a mean of 4 individuals, and 21

  13. Surgical treatment of penetrating atherosclerotic ulcer of the descending aorta

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Kovačević Pavle

    2013-01-01

    Full Text Available Introduction. The term “penetrating atherosclerotic ulcer” (PAU of the aorta describes the condition in which ulceration of an aortic atherosclerotic lesion penetrates the internal elastic lamina into media. PAU is a high-risk lesion due to its deleterious effects on the integrity of aortic wall, with potentially fatal outcome. Case report. A patient with intensive, sharp chest pain irradiating to the back but with no signs of myocardial ischemia on an electrocardiogram was referred to our hospital. Transthoracic echocardiography showed no pathological changes of the ascending aorta. However, multislice computed tomography (CT showed an aortic ulcer with varying degree of the subadventitial hemorrhage in the region of the thoracic aorta at the level of Th 8-9. Due to imminent rupture of the penetrating aortic ulcer, the patient was promptly prepared for surgery. A 15 cm long subadventitial hematoma was found intraoperatively in the right posterolateral aspect of the descending aorta, 5 cm above the diaphragm and 7 cm below the origin of the left subclavial artery. The affected segment of the aorta was resected, followed by an inlay aortic reconstruction with a Dacron tube graft of 24 mm. Control CT revealed satisfactory reconstruction of the descending aorta. Conclusion. PAU is a rare, but potentially fatal disease. Open surgery in patients with PAU is an effective treatment strategy, although endovascular treatment options are emerging.

  14. Toxicología aguda del D-004 en conejos

    OpenAIRE

    Ariadne Gutiérrez Martínez; Rafael Gámez Menéndez; Rosa Más Ferreiro; Miriam Noa Puig; Balia Pardo Acosta; Eddy Goicochea Carrero; Dayisell Curveco Sánchez; Haydée García Cambián

    2007-01-01

    El D-004 es un extracto lipídico obtenido del fruto de la palma real (Roystonea regia) (Arecaceae) que consiste en una mezcla reproducible de ácidos grasos, en la cual el ácido oleico, el láurico y el palmítico son los más abundantes. El tratamiento oral con D-004 inhibe significativamente la hiperplasia prostática inducida por testosterona en roedores. La toxicología preclínica de un nuevo compuesto incluye la evaluación aguda en una especie no roedora. Con este objetivo se realizó el ensayo...

  15. Tratamiento médico de la pancreatitis aguda

    OpenAIRE

    Huerta-Mercado, Jorge

    2013-01-01

    Se revisan los últimos avances en el manejo médico de la pancreatitis aguda. Estos se basan en los cambios que van desde el mayor conocimiento de la fisiopatología y la clínica y el desarrollo de técnicas para el manejo de las complicaciones. El reconocimiento del mal pronóstico dado por la falla persistente de órganos (mayor a 48 horas) y la evolución lenta pero sin severidad de los pacientes con complicaciones locales, ha hecho redefinir la clasificación de la pancreatitis, estratificándose...

  16. Factores de riesgo de mortalidad en la mediastinitis aguda

    OpenAIRE

    2009-01-01

    Consultable des del TDX Títol obtingut de la portada digitalitzada La mediastinitis aguda se define como la infección del tejido conectivo laxo que envuelve las estructuras mediastínicas. Sus causas son la infección postesternotomía, la perforación esofágica, la mediastinitis necrosante descendente (MND), y la lesión traqueobronquial. Es una enfermedad grave, poco frecuente y sobre la cual no existe consenso en las pautas diagnósticas y terapéuticas a seguir. Al revisar la literatura se...

  17. Pancreatitis Aguda como consecuencia del uso de Orlistat

    OpenAIRE

    2011-01-01

    La pancreatitis aguda es un proceso inflamatorio del páncreas desencadenada por la auto digestión ante la activaciónde sus pro fermentos, tiene un manejo urgente ya que pone en peligro la vida del paciente. El recienteingreso de Orlistat, un fármaco inhibidor de la lipasa gástrica y pancreática para tratar la obesidad, a través de suventa creciente sin receta se ha estado traduciendo en una mayor frecuencia de eventos adversos sobre todogastrointestinales (diarrea grasa, esteatorrea, incontin...

  18. Parotiditis aguda en recién nacido

    OpenAIRE

    Cabezón A,Rodrigo; Kreft V,Javiera; Ramírez R,Constanza; Witker J,Daniela

    2010-01-01

    La parotiditis aguda supurativa es una enfermedad extremadamente infrecuente en el recién nacido, sin casos publicados hasta ahora en la literatura nacional y con pocos casos descritos en la literatura médica mundial. La infección ocurre habitualmente por vía ascendente desde la cavidad oral al conducto de Stenon, o asociado a sialectasia, aunque también se ha descrito a la deshidratación y la septicemia con extensión hacia la glándula parótida como probables mecanismos patogénicos. Se presen...

  19. Comportamiento de la enfermedad diarreica aguda en Guatemala

    OpenAIRE

    Mario Enrique Plá Acevedo; Eddy Mario Collejo Acevedo; Odalis Elena Acevedo Tristá; Learelis Fernández Cruz; Yanet Marbelis Plá Acevedo

    2015-01-01

    Se realizó un estudio descriptivo de corte transversal, con el objetivo de conocer el comportamiento de la Enfermedad Diarreica Aguda (EDA) en Tierra Blanca, Departamento Petén, Guatemala; en el período comprendido de enero a diciembre del año 2011. El universo de estudio lo formaron todos los individuos que fueron evaluados en el puesto de salud de Tierra Blanca con diagnóstico clínico de EDA. La muestra estuvo constituida por 529 pacientes. Se trabajó con el Sistema de Información Gerencial...

  20. Diagnóstico y manejo de la bronquiolitis aguda

    OpenAIRE

    Maamar el Asri, Meryam

    2016-01-01

    La bronquiolitis aguda es una enfermedad pediátrica muy frecuente en todo el mundo y una importante causa del ingreso hospitalario en niños menores de un año, sobre todo en los meses de invierno. Tiene una correlación directa con el virus respiratorio sincitial, siendo el principal agente causal de esta patología. Sin embargo, el desarrollo y aplilación de las técnicas de amplificación genética ha permitido conocer la existencia de otros virus implicados,y, con ello, aportar un mayor conocimi...

  1. Recomendaciones para el manejo de la faringoamigdalitis aguda del adulto

    OpenAIRE

    Cots, Josep M; Juan-Ignacio Alós; Mario Bárcena; Xavier Boleda; José L. Cañada; Niceto Gómez; Ana Mendoza; Isabel Vilaseca; Carles Llor

    2015-01-01

    La faringoamigdalitis aguda (FAA) en el adulto es una de las enfermedades infecciosas más comunes en la consulta del médico de familia. La etiología más frecuente es viral. Dentro de la etiología bacteriana, el principal agente responsable es Streptococcus pyogenes o estreptococo β-hemolítico del grupo A (EBHGA), causante del 5-30% de los casos. En el manejo diagnóstico, las escalas de valoración clínica para predecir la posible etiología bacteriana, son una buena ayuda para seleccionar a qué...

  2. Enfoque clínico de la pancreatitis aguda

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Dra. Jeanneth Torrez Salazar

    2010-06-01

    Full Text Available La Pancreatitis Aguda(PA es un proceso inflamatorio agudo del páncreas, que puede afectar también tejidos peripancreáticos y órganos o sistemas distantes. Las principales causas son la Litiasis Biliar y el uso excesivo de alcohol que constituyen aproximadamente un 75%. Un 20% de los pacientes con PA tienen un curso severo de la enfermedad, de los cuales 10-30% mueren y a pesar de los avances tecnológicos en la UCI, la mortalidad no ha variado significativamente.

  3. Insuficiencia renal aguda asociada a picadura de abeja africanizada

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Verny Huertas-Franco

    2008-03-01

    Full Text Available Se presenta el caso de un adulto mayor diabético tipo 2, que sufrió un ataque masivo de abejas africanizadas, y llegó a la sala de emergencias tres horas después del inicio del ataque. El paciente presentó insuficiencia renal aguda por combinación de factores, y se recuperó con tratamiento de diálisis temprana. Se discuten los problemas que refieren estos pacientes, y cuál sería el manejo ideal de tales casos.

  4. Subtipos moleculares de PML/RARα en pacientes con leucemia promielocítica aguda Molecular subtypes of PML/RARα in patients with acute promyelocytic leukemia

    OpenAIRE

    2013-01-01

    El objetivo fue describir la frecuencia de los subtipos moleculares de PML/RARα en pacientes con leucemia promielocítica aguda (LPA) y su distribución según grupo de riesgo de recaída y citomorfología. Se realizó una serie de casos que incluyó a cincuenta pacientes registrados en el Instituto Nacional de Enfermedades Neoplásicas (INEN), durante el periodo 2010-2012, con diagnóstico molecular de LPA PML/RARα y subtipos bcr1, bcr2 y bcr3 por reacción en cadena de la polimerasa con tra...

  5. Síndrome de Kelley-Seegmiller: apresentação sob a forma de insuficiência renal aguda

    OpenAIRE

    Ribeiro, Maria do Céu

    2014-01-01

    Resumo: A nefropatia por ácido úrico é rara em idade pediátrica, estando mais frequentemente associada à síndrome de lise tumoral. Um rapaz, actualmente com 10 anos de idade, aos 2 meses de vida apresentou insuficiência renal aguda e nefrocalcinose, associadas a hiperuricemia marcada. O estudo analítico da via das purinas permitiu o diagnóstico de défice parcial de hipoxantina guanina fosforibosiltransferase (HPRT) na criança e em familiares afectados. O tratamento precoce e o acompanhamento ...

  6. Hemoptise e hemotórax como apresentação de ruptura de aorta torácica

    OpenAIRE

    Lima,Márcio Silva Miguel; Vieira, Marcelo Luiz Campos

    2009-01-01

    Dissecção da aorta torácica é doença de grande mortalidade em sua fase inicial, mas pode, em alguns casos, se cronificar. Relatamos caso de paciente com dissecção crônica de aorta tipo B (Stanford), admitido na Emergência com confusão mental, dispnéia e relato de hemoptise importante. O eletrocardiograma mostrava alterações inespecíficas e a radiografia de tórax revelou opacificação do hemitórax esquerdo. O ecocardiograma transtorácico não evidenciou dissecção aórtica, mas demonstrou imagem c...

  7. Leucemia mielóide aguda (LMA secundária à trombocitemia essencial (TE: um relato de caso

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marcelo Gil Cliquet

    2015-10-01

    Full Text Available Introdução: A trombocitemia essencial é classificada como pertencente ao grupo de distúrbios mieloproliferativos clássicos BCR/ABL negativos. A progressão para leucemia aguda é rara (<2% e é considerada, na maioria das vezes, no contexto da terapia leucemogênica. A transformação em leucemia pode demorar de 1,7 a 16 anos. Relato de caso: Paciente de 56 anos, do sexo feminino. Apresentou plaquetose de 655.000/mm3. Foram afastadas causas reacionais de plaquetose e solicitados exames como mutação da JAK2 (V617F presente, biópsia de medula óssea e cariótipo (Ph1 negativo, que mostraram-se compatíveis com diagnóstico de Trombocitemia Essencial. Em 2008 foi iniciado tratamento com Hidroxiureia mas a pedido da paciente houve mudança para Anagrelide. Como o controle com esse medicamento foi inadequado (plaquetose chegando a 1.000.000/mm3, foi reiniciando tratamento com Hidroxiureia, obtendo-se boa resposta, apesar do uso irregular.Em Maio de 2015 retornou ao serviço com hemograma de Março apresentando anemia (11,5g/dl, neutrófilos no limite inferior (1617/mm3 e plaquetas de 285.000/mm3. Apesar da suspensão da hydroxiureia por 1 semana, evoluiu com piora do hemograma, passando a apresentar pancitopenia. Foi solicitada avaliação de medula, resultando em diagnóstico de Leucemia Mielóide Aguda do tipo M6 com características de Síndrome Mieloproliferativa Crônica e de Síndrome Mielodisplasica e 20% de blastos Paciente veio a óbito por sangramentos e sepse após o primeiro ciclo. Conclusão: Apesar de pouco frequente, a transformação da Trombocitemia Essencial pode ocorrer e a observação constante desses pacientes deve sempre procurar alterações que possam sugerir esta complicação.

  8. Estresse oxidativo e lipoperoxidação devido à anemia induzida por perda aguda de sangue em ovinos

    OpenAIRE

    Fonteque,Joandes Henrique

    2005-01-01

    A produção de espécies reativas de oxigênio (ERO) é um evento presente em todas as células do organismo e pode estar aumentada em condições como hipóxia induzida pela anemia causando lesões em moléculas como DNA, lipídeos e proteínas. Com o objetivo de avaliar o estresse oxidativo na anemia induzida por perda aguda de sangue, foram utilizados 10 ovinos, mestiços da raça Texel, machos e fêmeas, com idade entre seis e oito meses, clinicamente sadios, mantidos em regime de confinamento. Os anima...

  9. Morphological Evidence of Telocytes in Mice Aorta

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Hong-Qi Zhang

    2015-01-01

    Full Text Available Background: Telocytes (TCs are a novel type of interstitial cells, which have been recently described in a large variety of cavitary and noncavitary organs. TCs have small cell bodies, and remarkably thin, long, and moniliform prolongations called telopodes (Tps. Until now, TCs have been found in various loose connective tissues surrounding the arterioles, venules, and capillaries, but as a histological cellular component, whether TCs exist in large arteries remains unexplored. Methods: TCs were identified by transmission electron microscope in the aortic arch of male C57BL/6 mice. Results: TCs in aortic arch had small cell bodies (length: 6.06-13.02 μm; width: 1.05-4.25 μm with characteristics of specific long (7.74-39.05 μm, thin, and moniliform Tps; TCs distributed in the whole connective tissue layer of tunica adventitia: TCs in the innermost layer of tunica adventitia, located at the juncture between media and adventitia, with their long axes oriented parallel to the outer elastic membrane; and TCs in outer layers of tunica adventitia, were embedded among transverse and longitudinal oriented collagen fibers, forming a highly complex three-dimensional meshwork. Moreover, desmosomes were observed, serving as pathways connecting neighboring Tps. In addition, vesicles shed from the surface of TCs into the extracellular matrix, participating in some biological processes. Conclusions: TCs in aorta arch are a newly recognized complement distinct from other interstitial cells in large arteries, such as fibroblasts. And further biologically functional correlations need to be elucidated.

  10. Morphological Evidence of Telocytes in Mice Aorta

    Institute of Scientific and Technical Information of China (English)

    Hong-Qi Zhang; Shan-Shan Lu; Ting Xu; Yan-Ling Feng; Hua Li; Jun-Bo Ge

    2015-01-01

    Background:Telocytes (TCs) are a novel type of interstitial cells,which have been recently described in a large variety of cavitary and noncavitary organs.TCs have small cell bodies,and remarkably thin,long,and moniliform prolongations called telopodes (Tps).Until now,TCs have been found in various loose connective tissues surrounding the arterioles,venules,and capillaries,but as a histological cellular component,whether TCs exist in large arteries remains unexplored.Methods:TCs were identified by transmission electron microscope in the aortic arch of male C57BL/6 mice.Results:TCs in aortic arch had small cell bodies (length:6.06-13.02 μm; width:1.05-4.25 μm) with characteristics of specific long (7.74-39.05 μm),thin,and moniliform Tps; TCs distributed in the whole connective tissue layer of tunica adventitia:TCs in the innermost layer of tunica adventitia,located at the juncture between media and adventitia,with their long axes oriented parallel to the outer elastic membrane; and TCs in outer layers oftunica adventitia,were embedded among transverse and longitudinal oriented collagen fibers,forming a highly complex three-dimensional meshwork.Moreover,desmosomes were observed,serving as pathways connecting neighboring Tps.In addition,vesicles shed from the surface of TCs into the extracellular matrix,participating in some biological processes.Conclusions:TCs in aorta arch are a newly recognized complement distinct from other interstitial cells in large arteries,such as fibroblasts.And further biologically functional correlations need to be elucidated.

  11. Intramural aortic hematomas; Intramurale Haematome der Aorta

    Energy Technology Data Exchange (ETDEWEB)

    Raab, B.W.; Vosshenrich, R.; Fischer, U.; Funke, M.; Grabbe, E. [Goettingen Univ. (Germany). Abt. fuer Roentgendiagnostik

    2001-08-01

    Intramural hematomas (IMH) are regarded as a hemorrhage into the aortic wall. In general a traumatic form can be differentiated from a spontaneous non-traumatic. There is a predisposition of IMH with arterial hypertension and mesoectodermal dysplastic syndromes. The diagnosis is established with the clinical presentation in combination with the findings of different imaging modalities. Acute and subacute discomfort associated with a tendency of collaps are considered as typical presenting complaints. A semicircular or concentric thickening of the aortic wall with the absence of blood flow or a dissection membran are typical findings in transesophageal echocardiography, computed tomography and magnetic resonance tomography. From a differential diagnostic point of view a distinction from atherosclerotic wall changes, intraluminal thrombi and inflammatory aortic diseases is essential. The IMH is considered as an early presentation of aortic dissection, put into and treated according to the Stanford classification. In the course of natural history an IMH can disappear, rupture or progress into a classic aortic dissection. (orig.) [German] Das intramurale Haematom (IMH) ist eine Einblutung in die Aortenwand. Grundsaetzlich kann zwischen traumatischer Genese und einer atraumatischen spontanen Form unterschieden werden. Praedisponierend sind arterielle Hypertension und mesoektodermale Dysplasiesyndrome. Die Diagnose ergibt sich aus der Klinik und den Befunden in den bildgebenden Verfahren. Zu den klinischen Symptomen zaehlen akut oder subakut auftretende Schmerzen, assoziiert mit einer Kollapsneigung. Typische Befunde in der transoesophagealen Echokardiographie, der Computer- oder der Magnetresonanztomographie sind eine halbmondfoermige oder konzentrische Wandverdickung der Aorta ohne Nachweis von Blutfluss oder einer Dissektionsmembran mit Dichtewerten bzw. Signalintensitaeten in Abhaengigkeit vom Alter der Einblutung. Differenzialdiagnostisch ist eine Abgrenzung

  12. Características hematológicas e perfil de expressão de antígenos mielóides de pacientes com leucemia promielocítica aguda: análise de fatores prognósticos para o desenvolvimento da síndrome do ácido retinóico Hematological features and expression profile of myeloid antigens of acute promyelocytic leukemia patients: analysis of prognostic factors for development of the retinoic acid syndrome

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Flávia Leite Souza Santos

    2004-09-01

    Full Text Available OBJETIVO: A leucemia promielocítica aguda (LPA apresenta uma boa resposta ao tratamento com o ácido all trans retinóico (ATRA. Entretanto, alguns pacientes desenvolvem uma complicação grave chamada síndrome do ácido retinóico (SAR. O objetivo deste estudo foi comparar as características hematológicas e imunofenotípicas de pacientes com LPA que desenvolveram a SAR com as daqueles que não a desenvolveram. MÉTODOS: Foram analisados retrospectivamente os prontuários, exames radiológicos, lâminas de esfregaço de sangue e medula óssea de 71 pacientes com LPA, dos quais a análise imunofenotípica havia sido realizada em 56 casos. Foram identificados oito casos de SAR que, do ponto de vista clínico, caracterizaram-se por insuficiência respiratória (n=8, insuficiência renal (n=2, febre (n=5, ganho ponderal (n=3, edema periférico (n=3 e derrame pleural (n=5. As seguintes variáveis foram comparadas entre pacientes com e sem SAR: dosagem de hemoglobina, contagens de leucócitos e plaquetas no sangue periférico, distribuição dos subtipos hipergranular e variante, percentagens de blastos CD33+, CD13+, CD117+ na medula óssea, intensidade e variação dos valores de fluorescência destes antígenos nas células leucêmicas, expressas através dos canais medianos (CMFs e dos coeficientes de variação (CVs de fluorescência, respectivamente. RESULTADOS: A incidência da SAR foi de 11,26% e o tempo médio para seu desenvolvimento 11,5 dias do início do tratamento. Todos os pacientes apresentaram desconforto respiratório agudo, por vezes associado à febre, ganho de peso, edema e insuficiência renal. Os achados radiológicos mais comuns foram: opacidades em vidro fosco, derrame pleural, espessamento peribrônquico e aumento da trama vascular pulmonar. Nenhuma das variáveis laboratoriais analisadas correlacionou-se significativamente ao risco de desenvolvimento da SAR, entretanto as Odd Ratios para CMF para o CD117 > 30 ua e CV para

  13. Oclusión arterial aguda asociada a hidatidosis diseminada

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Jose Somocurcio

    Full Text Available Hidatidosis o equinococosis son términos usados para denominar a la infestación zoonótica causada por los estadios adulto y larvario (metacéstode del céstode del género Equinococcus (familia tenidae. El término hidatidosis debe ser aplicado a la infestación por el metacéstode mientras que el de equinococosis a los estadios larv