WorldWideScience

Sample records for aguda da aorta

  1. Aortoscopia no tratamento das dissecções agudas da aorta Aortoscopy in the treatment of acute dissecting aneurysms of the aorta

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Gladyston SOUTO

    1999-07-01

    Full Text Available No período de janeiro a dezembro de 1998 , foram operados 10 pacientes portadores de dissecção aguda da aorta (DA Ao 4 do tipo A e 6 do tipo B. O sexo masculino predominou e a idade dos pacientes variou de 34 a 78 anos. Em todos foram realizadas aortoscopias usando hipotermia profunda com parada circulatória total. Usou-se um gastroscópio, obtendo visão do lume da Ao, sendo que todos os pacientes tinham menos que 15 dias da doença. No tipo A, havia re-entrada abaixo da subclávia esquerda em 2 pacientes e, nos outros 2, na bifurcação das ilíacas. No tipo B, havia re-entrada ao nível das renais em 2 pacientes e, ao nível da bifurcação da Ao e das ilíacas, em 4. Em 2 pacientes do tipo A, a aortoscopia orientou na colocação de uma "Tromba de Elefante" como complemento. Nos outros 2, orientou na inversão do sentido da linha arterial. No tipo B, orientou na perfeita colocação da "Tromba de Elefante" e, em 4 pacientes, utilizamos a aortoscopia como complemento diagnóstico. O tempo utilizado na aortoscopia não alterou a morbimortalidade. Podemos concluir que a aortoscopia é um método de diagnóstico rápido, com boa definição das alterações anatômicas da Ao, permitindo um tratamento efetivo. Nos casos agudos instáveis podemos dispensar alguns exames pré-operatórios para não retardarmos a operação. O diagnóstico da re-entrada nos seguimentos inferiores da Ao ajuda a evitar a dissecção retrógrada. Acreditamos que a aortoscopia poderá, no futuro, ser de grande ajuda no diagnóstico e tratamento das DA Ao, bem como de outras lesões da Ao.From January to December 1998, ten patients with dissecting aneurysms of the Aorta (ADA Ao were operated on, 4 type A and 6 type B. Males predominated and ages ranged from 34 to 78 years. In all of them aortoscopy was performed with deep hypothermia and circulatory arrest. A gastroscope was used with visualization of the aortic lumen and all patients had less than 15 days of disease

  2. Tratamento cirúrgico da dissecção da aorta Surgical treatment of the aortic dissection

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marcos Fassheber Berlinck

    1990-04-01

    Full Text Available Entre janeiro de 1979 e dezembro de 1989, foram realizadas 85 operações para o tratamento da dissecção da aorta, sendo 50 na fase aguda e 35 na fase crónica. A mortalidade imediata (hospitalar foi de 21,1% (18 pacientes, tendo como causa principal a síndrome de baixo débito cardíaco. Foi maior nos pacientes operados na fase aguda. Dentre quatro pacientes reoperados por recidiva ou dissecção em outro local, dois faleceram. Com relação à morbidade, uma paciente, reoperada por aneurisma tóraco-abdominal, apresentou paraplegia no período de pós-operatório. O seguimento tardio mostrou boa evolução dos 63 sobreviventes.Between January 1979 and December 1989, eighty five operations were performed to treat aortic dissection, including fifty in the acute phase, and thirty five in a chronic phase. The Hospital mortality was 21.1% (eighteen patients and low cardiac output was the major cause of death. The mortality was higher in the group of patients operated upon in the acute phase. Four patients were operated upon for redissection or dissection in other localization of the aorta, and all of them died. One patient developed paraplegy in the postoperative period. The late follow-up showed good evolution in the survivors group.

  3. Onze anos de experiência com emprego do anel intraluminal para tratamento das doenças da aorta

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    BERNARDES Rodrigo de Castro

    1999-01-01

    Full Text Available O tratamento cirúrgico das doenças da aorta é geralmente acompanhado de altas taxas de morbimortalidade. O paciente que tem média de idade avançada geralmente é apresentado ao cirurgião em estado grave, com má condição nutricional, muitas vezes com alterações em vários órgãos e sistemas causados pela própria doença aguda. A correção convencional exige técnicas coadjuvantes complexas e agressivas como a circulação extracorpórea prolongada, hipotermia profunda, parada circulatória total além de prolongados tempos de pinçamento de aorta. Na tentativa de reduzir a agressão cirúrgica no paciente já intensamente debilitado pela própria doença, desenvolvemos, em 1988, um anel intraluminal (1, 2 que tem medidas projetadas e experimentadas para facilitar a sua manipulação e anastomose, proporcionando uma diminuição acentuada no tempo de operação, tempo de CEC, tempo de pinçamento de aorta, excluindo muitas vezes a circulação extracorpórea e a hipotermia, obtendo uma anastomose fácil, rápida, segura e hemostática. Entre março de 1988 e janeiro de 1999, 432 pacientes foram submetidos a tratamento cirúrgico de dissecções ou aneurismas da aorta em nosso Serviço. Em 328 pacientes empregamos o anel intraluminal como técnica de anastomose. Usamos 489 anéis. Cento e vinte e cinco pacientes eram portadores de dissecção aguda de aorta do tipo A, 29 eram portadores de dissecção aguda de aorta do tipo B, 81 de aneurisma de aorta ascendente, 8 de aneurisma de arco aórtico, 28 pacientes eram portadores de aneurisma de aorta torácica descendente, 17 eram portadores de aneurisma toracoabdominal e 40 pacientes de aneurisma de aorta abdominal infra-renal. A mortalidade global foi de 13,41%. O seguimento ambulatorial destes pacientes variou de 11 anos a 25 dias. A curva actuarial de sobrevivência em 11 anos mostra 67,3%. Em nenhum caso observamos as complicações descritas na literatura, como embolia, formação de

  4. Dissecação da aorta - fatores de risco no município de Sorocaba

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Mahonri Faria Guitti

    2007-07-01

    Full Text Available Objetivo: a dissecação aguda da aorta (DAA representa um evento catastrófico que, a despeito da terapêutica instituída, tem altos índices de mortalidade em qualquer lugar do planeta. O objetivo principal do estudo foi identificar os fatores de risco na população estudada. Método: estudo de observação, analítico, de agregado, do tipo coorte não concorrente, envolvendo 243 pacientes submetidos à necropsia no Serviço de Verificação de Óbito da FCM, do CCMB-PUC/SP, no período de dez anos. Estratificação da população alvo em amostras de estudo sendo o primeiro grupo (G1 formado por portadores de dissecação crônica da aorta e o segundo grupo (G2 por portadores de dissecação aguda da artéria. Análise comparativa para amostras independentes e por análise de contingência. Erro alfa admitido de cinco por cento. Trabalho aprovado pela Comissão de Ética da Instituição. Resultados: evidenciou-se significância estatística para: hipertensão arterial sistêmica (HAS (P=0.0030, aterosclerose prévia (P=0,0058 e uso de drogas tóxicas vaso-ativas (P=0,0058. Conclusões: os fatores de risco identificados na casuística foram: HAS, aterosclerose e uso de drogas tóxicas vaso-ativas. Não houve superioridade das imagens no diagnóstico da DAA quando comparadas à necropsia (P=0,072 e a prevalência da doença na casuística foi de 4,94%.

  5. Resultados a médio prazo do tratamento cirúrgico da dissecção aguda de aorta tipo A com o emprego da prótese intraluminal Surgical treatment of type a aortic dissection using intraluminal prosthesis medium term follow up

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Jefferson Francisco de OLIVEIRA

    2001-06-01

    Full Text Available Introdução: O conceito de prótese intraluminal foi introduzido por CARREL, em 1912. Em 1978, DUREAU & ABLASA descreveram os primeiros casos de dissecção aguda de aorta tratados com o emprego da prótese intraluminal. Esta prótese foi utilizada nos anos 80 por vários grupos com bons resultados. Vários relatos de complicações (migração, embolias, estenoses, formação de pseudo-aneurismas fizeram com que os grupos cirúrgicos perdessem o entusiasmo por esta técnica. Objetivo: Avaliar a anastomose empregando a prótese intraluminal sem sutura no tratamento da dissecção aguda de aorta tipo A. Casuística e Métodos: Sessenta e quatro pacientes com diagnóstico de dissecção aguda de aorta do tipo A foram operados em nosso Serviço. Em todos os casos empregamos o anel intraluminal como técnica de sutura. A idade média dos pacientes era de 56,3 anos, sendo 57 (89% do sexo masculino. Todos os pacientes eram portadores de hipertensão arterial sistêmica. Em 26 pacientes utilizamos somente a anastomose intraluminal, com o anel proximal acima dos óstios coronários de modo a ressuspender a valva aórtica e o anel distal posicionado junto à origem do tronco braquiocefálico. O tempo médio de pinçamento da aorta nestes pacientes foi de 9 minutos e o tempo médio de CEC de 26 minutos. Somente em 1 caso houve rotura da ligadura sobre o anel proximal, quando realizamos uma operação radical (Bentall- DeBonno, mantendo o anel distal. Em 23 pacientes utilizamos a ressuspensão da valva aórtica e o preparo da raiz da aorta com duplo retalho de Dacron, empregando o anel intraluminal na anastomose distal. Abordamos o arco aórtico em 8 pacientes. A troca da valva aórtica foi necessária em apenas 6 pacientes. A mortalidade global foi de 10,3%, sendo que nos pacientes onde foi possível o tratamento com o duplo anel não houve nenhum óbito. Na avaliação pós-operatória destes pacientes foi realizado ecocardiograma e aortografia. N

  6. Aneurismas e dissecções da aorta: progresso nos resultados imediatos do tratamento cirúrgico

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    FONTES Ronaldo D.

    1998-01-01

    Full Text Available Após 1989, introduzimos algumas alterações no tratamento cirúrgico dos aneurismas e dissecções da aorta, em nosso Serviço, entre elas maior rapidez no diagnóstico, uso de parada circulatória, hipotermia profunda, parada circulatória total, monitorização hemodinâmica, controle dos distúrbios de coagulação, controle da pressão liquórica, implantação das artérias intercostais. Entre janeiro de 1980 e julho de 1994, 520 pacientes foram submetidos a tratamento cirúrgico de aneurismas ou dissecções da aorta, de forma consecutiva e não selecionados. Os pacientes foram divididos em três grupos, de acordo com o diagnóstico: ? Aneurisma de aorta ascendente (AAAS ? Aneurisma de arco aórtico (AAAO ? Dissecção aguda da aorta tipos I e II (DAAO I e II Nos três grupos, a mortalidade foi significativamente inferior para pacientes operados no período após 1989. Variáveis preditivas de mortalidade para AAAS foram: complicações pulmonares (p = 0,0210, renais (p = 0,0310, neurológicas (p < 0,0001. Para DAAO I e II, a hipertensão arterial (p < 0,0001, complicações cardíacas (p < 0,0001, neurológicas (p < 0,0001, renais (p < 0,0001 e a rotura (p < 0,0001 foram preditivas de óbito, e para AAAO foram as variáveis: idade (p = 0,0001 e complicações renais (p = 0,0015. Os autores concluem que as modificações introduzidas no método de tratamento cirúrgico dos aneurismas e dissecções da aorta contribuíram significativamente para a melhora dos resultados.

  7. Uso da prótese endovascular auto-expansível para tratamento das doenças da aorta torácica descendente

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    STOLF Noedir A. G.

    1998-01-01

    Full Text Available Os autores relatam a experiência com o tratamento de aneurisma e dissecção da aorta descendente associada ou não a comprometimento do arco aórtico com o uso de prótese intraluminal auto-expansível introduzida cirurgicamente através do arco aórtico. Foram operados 11 pacientes, 9 do sexo masculino e com idades variando de 49 a 78 anos. O diagnóstico era de aneurisma em 6, sendo 2 rotos e dissecção em 5, sendo aguda em 2. Quatro doentes apresentavam afecções cirúrgicas associadas: aneurisma de aorta ascendente (1, aneurisma de arco (1, insuficiência coronária (1 e insuficiência da valva aórtica (1. Os pacientes foram operados com colocação de prótese intraluminal auto-expansível cirurgicamente através do arco aórtico sob hipotermia profunda e parada circulatória total. Em 4 pacientes foram realizadas operações associadas: troca da valva aórtica (1, substituição da aorta ascendente (2, troca do arco aórtico (1 e revascularização miocárdica (1. Houve um óbito intra-operatório por dissecção da aorta ascendente e dois óbitos hospitalares por associação de complicações. Oito pacientes tiveram alta sendo que 1 faleceu no terceiro mês de pós-operatório. Os sobreviventes estavam bem clinicamente e o estudo por imagem mostrou adequada correção da doença. Os autores concluem que o uso da prótese intraluminal simplifica e corrige adequadamente as afecções da aorta descendente. A morbimortalidade observada nessa série deve-se a outros fatores independentes da técnica.

  8. "Stent" auto-expansível nas dissecções da aorta tipo B Self-expanding stent in type B dissections of the aorta

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Wagner Michael PEREIRA

    1999-07-01

    Full Text Available O tratamento clínico das dissecções agudas da aorta do tipo B tem mortalidade em torno de 25% menor que a mortalidade cirúrgica. O tratamento cirúrgico das dissecções crônicas também produz uma morbidade e mortalidade elevadas. A utilização de "stents"auto-expansíveis endovasculares pode ser uma nova alternativa no tratamento destas lesões. De abril a dezembro de 1998 foram implantados 15 "stents" endovasculares, 10 em dissecções agudas e 5 em crônicas. A idade dos pacientes variou entre 48 e 75 anos (média=60,53±9,73 anos com 66,6% do sexo masculino. Os pacientes foram submetidos à esternotomia mediana, circulação extracorpórea (CEC com hipotermia profunda (18° - 20°C, parada circulatória total (PCT e perfusão cerebral retrógrada (PCR. A aorta transversa foi incisada e implantado o "stent" na aorta descendente sob auxílio de aortoscopia. Foram analisados os tempos de CEC, pinçamento aórtico, PCT, PCR, reaquecimento, ventilação mecânica, internação, sangramento trans e pós-operatório, reposição sangüínea, gasometria, curva de eventos e sobrevida. A mortalidade hospitalar (30 dias foi de 6,6%; 2 pacientes foram reoperados com 3 e 6 meses após a operação com dissecção da aorta ascendente e aneurisma roto distal ao "stent". Quatorze vêm sendo acompanhados com 1 a 8m de evolução, sendo que 85,7% estão livres de eventos e curva de sobrevida de 93,1%(240 dias. Concluímos que o implante de "stent"intraluminais auto-expansíveis apresentou mortalidade menor na fase aguda da doença (6,6% comparada à nossa experiência anterior com o tratamento clínico (30%. Apesar da amostra ser pequena, o procedimento parece ser promissor e necessita mais acompanhamento.The clinical treatment of acute type B aortic dissection has a mortality of about 25%, therefore, less than surgical mortality. The surgical treatment of chronic dissections also produces a high morbidity and mortality. The use of self

  9. Resultados do tratamento da pancreatite aguda grave

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Franz Robert Apodaca-Torrez

    Full Text Available OBJETIVO: Avaliar os resultados do Protocolo de Atendimento de pacientes com diagnóstico de pancreatite aguda grave. MÉTODOS: Foram analisados, consecutivamente, a partir de janeiro de 2002, idade, sexo, etiologia, tempo de internação, tipo de tratamento e mortalidade de 37 pacientes portadores de pancreatite aguda grave. RESULTADOS: A idade dos pacientes variou de 20 a 88 anos (média de 50 anos; 27% foram do sexo feminino e 73% do masculino. O tempo médio global de internação foi 47 dias. Treze pacientes foram tratados cirurgicamente; a média de operações realizadas foi duas por paciente. Ocorreram seis óbitos dentre os pacientes submetidos ao tratamento cirúrgico (46% e dois óbitos no grupo submetido somente ao tratamento clínico (8,3%. A mortalidade global foi 21% CONCLUSÃO: Após a modificação na forma de abordagem dos pacientes com pancreatite aguda grave, houve diminuição da mortalidade e uma tendência para a conduta expectante.

  10. O mosaico patogênico da pancreatite aguda grave

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Márcio Cavalcante Carneiro

    Full Text Available A pancreatite aguda tem sido alvo de grandes discussões que vão desde o entendimento de sua fisiopatologia até a investigação de novas modalidades terapêuticas. Reconhece-se que a necrose pancreática e a falência orgânica múltipla - mormente associadas à infecção - representam os principais fatores determinantes da evolução para o óbito, mas, apesar dos grandes avanços em seu estudo, a doença permanece como um desafio para o clínico e o cirurgião. Deste modo, um melhor conhecimento dos mecanismos envolvidos em sua fisiopatologia pode ser a chave para um tratamento mais eficaz, principalmente em relação às formas graves, cuja letalidade ainda encontra-se substancialmente elevada. Baseado nestas considerações, o presente trabalho tem por objetivo a revisão bibliográfica da fisiopatologia, dos fatores patogênicos envolvidos na história natural da pancreatite aguda grave e dos eventos associados à síndrome da resposta inflamatória sistêmica e à sepse, esboçando-se assim o mosaico patogênico desta importante condição.

  11. Cisto tímico como diagnóstico diferencial de doença aguda da aorta torácica Thymic cyst as a differencial diagnosis of acute thoracic aortic disease

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marcos Gradim Tiveron

    2008-12-01

    Full Text Available Paciente encaminhada de outro serviço com história de dor torácica aguda de forte intensidade com diagnóstico de hematoma intramural na aorta ascendente para correção cirúrgica. Após investigação diagnóstica, identificou-se tumoração cística no mediastino anterior, que envolvia toda a aorta ascendente e que produzia restrição ao enchimento diastólico do ventrículo direito. A análise histológica do tumor ressecado revelou o diagnóstico de cisto tímico. Objetivo deste relato é descrever tumoração mediastinal de baixa prevalência, que pode produzir imagem radiológica com características de hematoma intramural e resultar em conduta terapêutica equivocada.Patient was referred to our Service with acute thoracic pain and diagnosis of intramural hematoma of the ascending aorta for surgical correction. The diagnostic investigation showed a cystic tumor involving the ascending aorta causing restriction of the right ventricular inflow. After resection, the histologic analysis disclosed the diagnosis of thymic cyst. The aim of this study is to describe a rare mediastinal tumor that may simulate a radiologic feature with characteristics of intramural hematoma and may result in a wrong therapeutic approach.

  12. Análise da atividade da enzima conversora da angiotensina na hipertrofia aguda do ventrículo direito em modelo experimental de estenose endovascular ajustável do tronco pulmonar

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    RABELLO Renato Rocha

    2001-01-01

    Full Text Available INTRODUÇÃO: A bandagem do tronco pulmonar (TP tem sido aplicada para treinamento do ventrículo esquerdo (VE em pacientes portadores de transposição das grandes artérias (TGA com septo íntegro. Este procedimento, além de apresentar alta morbi-mortalidade, pode ocasionar alterações da função ventricular a longo prazo. Com o objetivo de analisar a hipertrofia aguda do ventrículo direito (VD, foi implantado um cateter balão no TP de seis cabritos jovens. MATERIAL E MÉTODOS: A sobrecarga sistólica foi aplicada através de insuflações progressivas do balão, durante 96 horas. Esta hipertrofia foi acompanhada por medidas hemodinâmicas diárias, através de cateteres implantados na aorta, VD e TP, além de ecocardiogramas seriados a cada 24 horas, com medidas das espessuras do septo interventricular e dos ventrículos. Ao final das 96 horas, os animais foram mortos para remoção dos corações. Os ventrículos e o septo foram pesados separadamente. Foram colhidas biópsias musculares de cada câmara para análise da atividade da enzima conversora da angiotensina (ECA. Oito cabritos (idade e peso semelhantes foram utilizados como controle para os pesos dos ventrículos e para a atividade da ECA. RESULTADOS: Observou-se um aumento do gradiente VD/TP (p=0,001, com conseqüente aumento da razão VD/VE (p=0,005 durante o tempo de sobrecarga sistólica. Ao fim do protocolo, a parede livre do VD apresentou aumento de espessura (p=0,002 e, conseqüentemente, um aumento do peso indexado (p=0,002. A análise da atividade da ECA revelou aumento somente no músculo do VD hipertrofiado (p=0,002. CONCLUSÃO: O cateter balão foi eficiente em induzir a hipertrofia aguda do VD através do protocolo utilizado. Conseqüentemente, um aumento expressivo da atividade da ECA está associado ao processo de hipertrofia miocárdica induzida por sobrecarga pressórica.

  13. Aspectos disautonômicos da porfiria aguda intermitente: a propósito de seis casos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Charles P. Tilbery

    1979-06-01

    Full Text Available Foram estudados seis casos de porfiria aguda intermitente, sendo enfocados os aspectos disautonômicos apresentados durante a longa permanência hospitalar dos doentes (média de 64 dias. Foram observados taquicardia sinusal e hipertensão arterial (4 casos, parada cardíaca (3 casos e depressão respiratória (5 casos. Os autores tecem comentários a propósito da fisiopatologia destas alterações e chamam a atenção sobre o prognóstico sombrio da porfiria aguda intermitente.

  14. Primeiro consenso brasileiro do tratamento da fase aguda do acidente vascular cerebral

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    2001-01-01

    Full Text Available Este texto apresenta a síntese das conclusões do Iº Consenso Brasileiro do Tratamento da Fase Aguda do Acidente Vascular Cerebral (AVC. Tratou-se de reunião patrocinada e coordenada pela Sociedade Brasileira de Doenças Cerebrovasculares, com neurologistas especializados nas doenças cerebrovasculares, que analisaram os principais itens da conduta dos AVC.

  15. Tratamento das afecções da aorta com a primeira geração de stents auto-expansíveis Aortic diseases treatment with a first generation of self expanding stent-grafts

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Wagner Michael PEREIRA

    2001-09-01

    Full Text Available INTRODUÇÃO: O emprego de stents auto-expansíveis no tratamento das afecções da aorta descendente apresenta-se como uma nova alternativa, e o objetivo deste trabalho é avaliar o seu desempenho. CASUÍSTICA E MÉTODOS: No período de abril de 1998 a novembro de 2000 (32 meses, foram operados 144 pacientes com doenças da aorta, sendo 66 (45,83% dissecções, 50 (34,72% aneurismas e 28 (19,44% outros procedimentos com operação da aorta associada. Implantamos 37 stents auto-expansíveis na aorta descendente com acesso transesternal, circulação extracorpórea, hipotermia profunda (18°C-20°C e parada circulatória com perfusão cerebral retrógrada. Foram 21 (56,76% dissecções agudas tipo B, 9 (24,32% aneurismas e dissecções crônicas tipo B e 7 (18,92% dissecções agudas tipo A. A idade média dos pacientes era de 57,95 ± 11,66 anos, sendo 64,86% do sexo masculino. O acompanhamento foi de 32 meses (16,36 ± 10,29 meses em 87,5% dos pacientes com entrevistas aos médicos assistentes de regiões distantes, ecocardiograma e tomografia computadorizada a cada 12 meses no ambulatório da Santa Casa. RESULTADOS: A mortalidade cirúrgica (30 dias foi de 13,51%, sendo 9,52% nas dissecções agudas tipo B, 28,57% nas dissecções agudas do tipo A e 11,22% nos aneurismas e dissecções crônicas tipo B. As curvas de sobrevivência em 12, 24 e 33 meses são, respectivamente, 87,92%, 82,75% e 74,48%. Estão livres de eventos 70,15% dos pacientes, ao final de 33 meses. Dois óbitos hospitalares não foram relacionados ao procedimento, se fossem excluídos teríamos uma mortalidade hospitalar de 8,10%, o mesmo acontecendo a 1 óbito tardio. O implante de stent isolado ocorreu em 40,5% dos pacientes, 3 apresentaram vazamentos distais pára-protéticos e vêm sendo acompanhados. CONCLUSÃO: Os implantes de stents intraluminais auto-expansíveis apresentaram uma mortalidade hospitalar de 13,51%, mortalidade em 12, 24 e 33 meses de 9,37%, 3,44% e 3

  16. Suscetibilidade genética na lesão pulmonar aguda e síndrome da angústia respiratória aguda Genetic susceptibility in acute lung injury and acute respiratory distress syndrome

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fernando Suparregui Dias

    2009-12-01

    Full Text Available A lesão pulmonar aguda e sua forma mais grave, a síndrome da angústia respiratória aguda, são o denominador comum de várias doenças que podem provocar uma inflamação exagerada nos pulmões. Nos últimos anos, essa variabilidade tem sido atribuída, pelo menos em parte, a fatores genéticos. O presente estudo tem por objetivos revisar o papel dos principais genes envolvidos na suscetibilidade, morbidade e mortalidade na lesão pulmonar aguda e na síndrome da angústia respiratória aguda. Através de pesquisa nas bases de dados PubMed e LiLACS, empregando-se os unitermos lesão pulmonar aguda, síndrome da angústia respiratória aguda e síndrome da angústia respiratória do adulto em combinação com polimorfismos genéticos, foram selecionados 69 artigos, dos quais 38 foram incluídos nesta revisão. Foram também considerados artigos relevantes extraídos das referências bibliográficas nos artigos selecionados das bases de dados. Os polimorfismos genéticos são variantes gênicas presentes em pelo menos 1% da população. A presença destas variantes genéticas pode influenciar a expressão de mediadores da resposta inflamatória, afetando diretamente a suscetibilidade à lesão pulmonar aguda, a intensidade da inflamação no parênquima pulmonar, a evolução e o desfecho destes pacientes. Estudos de associação com grandes populações e passíveis de reprodução permitirão de modo definitivo a inclusão da genômica no arsenal diagnóstico, prognóstico e terapêutico de pacientes com lesão pulmonar aguda/síndrome da angústia respiratória agudaAcute lung injury and its most severe presentation, acute respiratory distress syndrome, are a common denominator for several diseases which can lead to exaggerated lung inflammation. In the last years this variability has been ascribed, at least partially, to genetic issues. This study aims to review the role of the main genes involved in acute lung injury and acute respiratory

  17. Effect of hyperthermia on experimental acute pancreatitis Efeito da hipertermia na pancreatite aguda experimental

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    José Luiz Jesus de Almeida

    2006-12-01

    Full Text Available BACKGROUD: Recent studies indicate that hyperthermia can change inflammatory mechanisms and protect experimental animals from deleterious effects of secretagogue-induced acute pancreatitis AIM: To evaluate the effects of hyperthermia post-treatment on cerulein-induced acute pancreatitis in rats METHODS: Twenty animals were divided in two groups: group I (n = 10, rats with cerulein-induced acute pancreatitis undergone hyperthermia, and group II (n = 10, animals with cerulein-induced acute pancreatitis that were kept normothermic. In all groups, amylase serum levels, histologic damage, vascular permeability and pancreatic water content were assessed. Acute pancreatitis was induced by administration of two cerulein injections (20 mcg/kg. A single dose of Evans' blue dye was administered along with the second dose of cerulein. All animals also received a subcutaneous injection of saline solution. After this process, animals undergone hyperthermia were heated in a cage with two 100 W lamps. Body temperature was increased to 39.5ºC and maintained at that level for 45 minutes. Normothermia rats were kept at room temperature in a second cage RESULTS: Control animals had typical edema, serum amylase activity and morphologic changes of this acute pancreatitis model. Hyperthermia post-treatment ameliorated the pancreatic edema, whereas the histologic damage and the serum amylase level remained unchanged CONCLUSIONS: The findings suggest a beneficial effect of the thermal stress on inflammatory edema in experimental acute pancreatitis.RACIONAL: Estudos recentes indicam que a hipertermia pode modificar mecanismos inflamatórios e proteger animais experimentais dos efeitos deletérios da pancreatite aguda induzida por secretagogos OBJETIVO: Avaliar a eficácia da hipertermia como tratamento da pancreatite aguda induzida por ceruleína em ratos MÉTODOS: Vinte animais foram divididos em dois grupos: grupo I (n = 10, ratos com pancreatite aguda induzida por

  18. Sumário de atualização da II Diretriz Brasileira de Insuficiência Cardíaca Aguda 2009/2011

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marcelo Westerlund Montera

    2012-05-01

    Full Text Available Nos últimos dois anos, observamos diversas modificações na abordagem diagnóstica e terapêutica dos pacientes com Insuficiência Cardíaca aguda (IC aguda, o que nos motivou quanto à necessidade da realização de um sumário de atualização da II Diretriz Brasileira de Insuficiência Cardíaca Aguda de 2009. Na avaliação diagnóstica, o fluxograma diagnóstico foi simplificado e foi fortalecido o papel da avaliação clínica e ecocardiograma. Na avaliação clínico-hemodinâmica admissional, o ecocardiograma hemodinâmico ganhou destaque no auxilio da definição dessa condição no paciente com IC aguda na sala de emergência. Na avaliação prognóstica, os biomarcadores tiveram seu papel mais bem estabelecido, e a síndrome cardiorrenal teve seus critérios e valor prognóstico mais bem definidos. Os fluxogramas de abordagem terapêutica foram revistos, tornando-se mais simples e objetivos. Dentre os avanços na terapêutica medicamentosa destacam-se a segurança e a importância da manutenção ou introdução dos betabloqueadores na terapêutica admissional. A anticoagulação, de acordo com as novas evidências, ganha um espectro maior de indicações. O edema agudo de pulmão tem bem estabelecido os seus modelos hemodinâmicos de apresentação com suas distintas formas de abordagens terapêuticas, com novos níveis de indicação e evidência. No tratamento cirúrgico da IC aguda, a revascularização miocárdica, a abordagem das lesões mecânicas e o transplante cardíaco foram revistos e atualizados. Este sumário de atualização fortalece a II Diretriz Brasileira de Insuficiência Cardíaca Aguda por mantê-la atualizada e rejuvenescida. Todos os clínicos cardiologistas que lidam com pacientes com IC aguda encontrarão na diretriz e em seu sumário de atualização importantes instrumentos no auxílio da prática clínica para o melhor diagnóstico e tratamento de seus pacientes.

  19. Avaliação da reprodutibilidade da tomografia computadorizada no estadiamento da pancreatite aguda Reproducibility in the assessment of acute pancreatitis with computed tomography

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Edison de Oliveira Freire Filho

    2007-12-01

    Full Text Available OBJETIVO: Medir a reprodutibilidade da tomografia computadorizada sem e com contraste na avaliação da gravidade da pancreatite aguda. MATERIAIS E MÉTODOS: Cinqüenta e um exames de tomografia computadorizada abdominal sem e com contraste de pacientes com pancreatite aguda foram analisados por dois radiologistas (observadores 1 e 2. Calculamos o índice morfológico pela tomografia computadorizada sem e com contraste, separadamente, e o índice de gravidade da tomografia computadorizada para pancreatite aguda. Medimos a reprodutibilidade intra- e interobservador da tomografia computadorizada através do índice kappa (kapa. RESULTADOS: Para a concordância interobservador obtivemos kapa de 0,666, 0,705, 0,648, 0,547 e 0,631 para índice morfológico sem e com contraste, presença de necrose pancreática, extensão da necrose pancreática e índice de gravidade da tomografia computadorizada, respectivamente. Para a concordância intra-observador dos observadores 1 e 2 obtivemos, respectivamente, kapa de 0,796 e 0,732 para o índice morfológico sem contraste; 0,725 e 0,802 para o índice morfológico com contraste; 0,674 e 0,849 para a presença de necrose pancreática; 0,606 e 0,770 para a extensão da necrose pancreática; e 0,801 e 0,687 para o índice de gravidade da tomografia computadorizada. CONCLUSÃO: O estadiamento da pancreatite aguda pela tomografia computadorizada por meio do índice morfológico e do índice de gravidade da tomografia computadorizada é um método bastante reprodutível. O não-uso do contraste não afeta a reprodutibilidade da tomografia computadorizada para o cálculo do índice morfológico.OBJECTIVE: To evaluate the reproducibility of unenhanced and contrast-enhanced computed tomography in the assessment of patients with acute pancreatitis. MATERIALS AND METHODS: Fifty-one unenhanced and contrast-enhanced abdominal computed tomography studies of patients with acute pancreatitis were blindly reviewed by two

  20. Efeitos hemodinâmicos da sobrecarga ventricular direita aguda experimental

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Flávio Brito Filho

    2011-04-01

    Full Text Available FUNDAMENTO: A sobrecarga ventricular direita aguda está associada a situações clínicas de elevada morbimortalidade, tais como: ressecções pulmonares extensas, tromboembolismo pulmonar, transplante pulmonar e edema pulmonar das altitudes. Alguns pontos de sua fisiopatologia permanecem obscuros. OBJETIVO: Avaliar os efeitos hemodinâmicos da sobrecarga ventricular direita aguda experimental em suínos. MÉTODOS: A sobrecarga ventricular direita foi induzida pela oclusão das artérias pulmonares através de ligaduras. Vinte porcos foram utilizados no estudo, sendo alocados em 04 grupos: um controle, não submetido à oclusão vascular pulmonar, e três de sobrecarga ventricular direita submetidos à oclusão das seguintes artérias pulmonares: SVD1 (artéria pulmonar esquerda; SVD2 (artéria pulmonar esquerda e do lobo inferior direito e SVD3 (artéria pulmonar esquerda, do lobo inferior direito e do lobo mediastinal, obstruindo a vasculatura pulmonar em 42, 76 e 82,0% respectivamente. Variáveis de hemodinâmica foram medidas a cada 15 minutos durante a uma hora do estudo. Na análise estatística, foram utilizados ajustes de modelos lineares mistos com estrutura de variâncias e covariâncias. RESULTADOS: Nas comparações intergrupais, houve aumento significativo da frequência cardíaca (p = 0,004, pressão arterial pulmonar média (p = 0,001 e pressão capilar pulmonar (p < 0,0001. Houve redução significativa da pressão arterial média (p = 0,01 e do índice sistólico (p = 0,002. Não houve diferença significativa no índice cardíaco (p = 0,94. CONCLUSÃO: Apesar da intensa sobrecarga ventricular direita promovida pela obstrução de 82,0% da vasculatura pulmonar e pelo aumento significativo da pressão arterial pulmonar não houve disfunção cardiovascular severa e/ou choque circulatório no período estudado.

  1. Características clínicas da fase aguda da infecção experimental de felinos pelo vírus da imunodeficiência felina

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    M.S. Zanutto

    2011-03-01

    Full Text Available A infecção dos felinos pelo Vírus da Imunodeficiência Felina (FIV resulta no desenvolvimento da síndrome de imunodeficiência dos felinos. Gengivite, perda de peso, linfadenomegalia generalizada, anemia, insuficiência renal crônica, complicações neurológicas, diarréia crônica e infecções bacterianas são encontradas frequentemente. A fase aguda da infecção pode ser assintomática, retardando o estabelecimento do diagnóstico e a implantação de medidas profiláticas para restringir o contágio e a transmissão do agente aos felinos suscetíveis. Com a finalidade de estudar as características clínicas da fase aguda da infecção, dez felinos jovens, sem definição racial, com oito meses de idade foram inoculados por via endovenosa com 1mL de sangue venoso de um gato portador do FIV subtipo B. A confirmação da infecção foi obtida através de teste sorológico em quatro e oito semanas pós-inoculação (p.i. e por nested-PCR. Foram realizados hemogramas semanais, exame ultrassonográfico do abdômen quinzenais e exame oftalmológico mensal, durante doze semanas p.i. Discreta tendência a linfopenia na segunda semana p.i. e a neutropenia entre a quinta e sétima semana p.i., febre intermitente em alguns gatos, linfadenomegalia e hepato-esplenomegalia entre a quarta e a 12ª semana p.i. foram as alterações clínicas observadas. Apenas um gato apresentou uveíte unilateral direita. A fase aguda da infecção transcorreu com alterações clínicas inespecíficas. A linfadenomegalia e a hepato-esplenomegalia observadas no decorrer da infecção, refletindo hiperplasia linfóide, sugerem a necessidade de se realizar o teste sorológico para o FIV, em todos os gatos que se apresentarem com essas alterações, o que permitirá o diagnóstico precoce da infecção e a adoção de medidas profiláticas no sentido de minimizar a propagação da infecção.

  2. Reconstrução da aorta com conduto de pericárdio bovino corrugado

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Claudio A. Salles

    1998-04-01

    Full Text Available No período de outubro de 1989 a maio de 1997, 40 pacientes portadores de dissecção aórtica, aneurisma da aorta, coarctação da aorta ou doença oclusiva aorto-ilíaca foram submetidos a reconstrução da aorta utilizando-se conduto de pericárdio bovino corrugado processado em glutaraldeído. A reconstrução total da aorta ascendente com substituição da valva aórtica e reimplante das artérias coronárias foi realizada em 9 pacientes, a simples substituição da aorta ascendente em 6, aorta torácica descendente em 2, arco aórtico em 1, aorta toracoabdominal em 1 e a aorta abdominal foi reconstruída em 21, incluindo pacientes submetidos a reconstrução aorto-ilíaca ou aorto-femoral. A mortalidade hospitalar foi de 8 (20% pacientes e as causas de óbito foram baixo débito cardíaco, recidiva da dissecção aórtica, falência de múltiplos órgãos e sangramento. O seguimento total foi de 128,4 pacientes-anos, com um seguimento médio de 4 anos por paciente. Complicações tardias relacionadas ao conduto vascular foram observadas em 4 pacientes, incluindo obstrução de um dos ramos do tubo bifurcado utilizado para reconstrução aorto-femoral e infecção em 3, resultando em degeneração secundária do conduto e formação de pseudo-aneurisma. Os 4 pacientes foram submetidos a reoperações, correspondendo a uma incidência de 3,1% ± 1,6% por paciente/ano. Ocorreram 5 óbitos tardios e as causas foram morte súbita, doença coronariana, pneumonia, septicemia e complicações metabólicas resultantes de diabetes e insuficiência renal crônica, correspondendo a uma incidência de 3,9% ± 1,7% por paciente/ano. A sobrevida atuarial em 9 anos foi 61,5% ± 9,2%, incluindo a mortalidade cirúrgica e a sobrevida atuarial livre de degeneração tissular estrutural primária do conduto biológico foi de 100%. O corrugamento do pericárdio, resultante da incorporação do princípio crimping utilizado nas próteses vasculares sint

  3. Uso do sulfato de magnésio venoso para tratamento da asma aguda grave da criança no pronto-socorro

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Tânia Mara Baraky Bittar

    2012-03-01

    Full Text Available A asma aguda grave é uma emergência médica que deve ser diagnosticada e tratada rapidamente. O tratamento inicial inclui broncodilatadores e corticosteróides sistêmicos. Em casos graves, com fraca resposta ao tratamento padrão, o sulfato de magnésio venoso surge como opção terapêutica. O objetivo deste artigo foi revisar a literatura sobre o uso do sulfato de magnésio venoso na asma aguda em crianças no pronto-socorro no que se refere a eficácia, indicação, dosagem, efeitos adversos e contraindicações. Realizada revisão narrativa por meio das Bases de dados Medline, Lilacs e Cochrane Database of Systmatic Reviews, entre 2000 e 2010. Utilizados os descritores: asthma, children, emergency, magnesium sulfate. Incluídos oito ensaios clínicos controlados, três meta-análises, um estudo retrospectivo, oito artigos de revisão e um estudo transversal. A eficácia do magnésio venoso em crianças foi observada por vários autores, com raros efeitos adversos. Seu uso foi indicado para os pacientes com asma aguda moderada e grave que não responderam ao tratamento inicial com broncodilatador e corticosteróide. As contraindicações em pediatria são poucas. Entre elas estão insuficiência renal e bloqueio atrioventricular. Existem poucos relatos da interação do magnésio com drogas de uso pediátrico. Apesar da segurança, na prática, o magnésio venoso é pouco usado na asma aguda em pediatria. Na maioria das vezes, é indicado tardiamente para impedir falência respiratória e internação na unidade de cuidados intensivos. Os estudos demonstram que o magnésio venoso é uma droga eficaz e segura na criança com asma aguda grave, porém o seu uso no pronto-socorro ainda é limitado.

  4. Tratamento cirúrgico dos aneurismas toracoabdominais da aorta Surgical treatment of thoracoabdominal aortic aneurysms

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Januário M Souza

    1991-04-01

    Full Text Available Foram operados, em nosso Serviço, 161 aneurismas da aorta, sendo 99 por dissecção e 62 por outras causas. Em cinco pacientes, os aneurismas eram de localização toracoabdominal, sendo três por degeneração aterosclerótica e dois por dissecção; três pacientes eram do sexo feminino e a idade variou de 31 a 71 anos. Dois pacientes submeteram-se a aneurismectomia previamente (um da aorta ascendente e outro da porção proximal da aorta torácica. Revascularização miocárdica foi feita em um paciente, 40 dias antes da aneurismectomia. A indicação em todos os pacientes foi dor, causada por compressão do aneurisma, sendo que, em dois, havia insuficiência respiratória associada. Todos os pacientes foram operados através de incisão toracoabdominal e abertura do diafragma. A aorta foi substituída por tubo de Dacron, desde sua porção proximal até sua bifurcação, e as artérias viscerais foram implantadas no tubo. Quatro pacientes foram operados com pinçamento da aorta; um paciente necessitou emprego de circulação extracorpórea e parada circulatória, por impossibilidade de pinçamento da aorta junto à artéria subclávia. Todos os pacientes sobreviveram ao ato cirúrgico, ocorrendo dois óbitos no pós-operatório, um subitamente no 12º dia e outro por coma neurológico secundário a parada cardíaca causada por hipoxia.Five patients have been operated on of thoracoabdominal aortic aneurysms. The mean age was 53 years (range 31-71 and three were women. All the patients were symptomatic, three of them had arteriosclerotic aneurysms, and the other two had dissecting aneurysms. Three patients had been operated on previously. The exposure of aneurysm was made through a thoracoabdominal incision, in four patients clamps were placed above and below the aneurysm and it was incised longitudinally. Bypass between left atrium and left femoral artery with hypothermia and circulatory arrest was used in the other patients, since the

  5. Estrutura, ultraestrutura e morfometria da aorta de paca (Cuniculus paca, Linnaeus, 1766) criada em cativeiro

    OpenAIRE

    Garcia Filho,S.P.; Martins,L.L.; Reis,A.C.G.; Pacheco,M.R.; Machado,M.R.F.

    2012-01-01

    Descreveram-se a morfologia, morfometria e ultraestrutura de segmentos das porções torácica e abdominal da aorta de quatro pacas (Cuniculus paca) adultas. Os segmentos aórticos foram analisados à microscopia de luz e à microscopia eletrônica de varredura. Mensuraram-se as espessuras do complexo formado pelas túnicas íntima e média, além da túnica adventícia. Os valores referentes à espessura do complexo formado pelas túnicas íntima e média da aorta torácica cranial foram significativamente ma...

  6. Pneumonia eosinofílica aguda com evolução para síndroma de dificuldade respiratória aguda: caso clínico

    OpenAIRE

    J.P.F. Baptista; P.C. Casanova; J.P.A. Sousa; P.J. Martins; A. Simões; V. Fernandes; J. Souto; J.J. Costa; A. Rebelo; L. Carvalho; J. Pimentel

    2004-01-01

    RESUMO: Os autores apresentam um caso de pneumonia eosinofílica aguda (PEA) associada a síndroma de dificuldade respiratória aguda grave num adolescente previamente saudável, medicado com nitrofurantoína. A PEA deve ser incluída no diagnóstico diferencial da pneumonia adquirida na comunidade, bem como na lista das patologias causadoras de síndroma de dificuldade respiratória aguda, e o seu diagnóstico deve ser sugerido pela presença de alveolite eosinofílica no líquido de lavagem broncoalveol...

  7. Efeito da hipertermia na pancreatite aguda grave experimental

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maurício Gustavo Ieri Yamanari

    Full Text Available OBJETIVO: O objetivo deste estudo é avaliar os efeitos da hipertermia na pancreatite aguda (PA grave experimental induzida por ácido taurocólico. MÉTODO: A PA grave foi induzida pela injeção retrógrada de ácido taurocólico a 2,5% ou 5% no ducto pancreático principal. Após a indução, os animais foram colocados numa gaiola contendo duas lâmpadas de 100 W. A temperatura corporal foi aumentada para 39,5ºC e mantida neste nível por 45 minutos. Foram estudados taxa de mortalidade em 72 horas, permeabilidade vascular no pâncreas, porcentagem de água no tecido pancreático, amilase sérica, histologia (edema, necrose acinar e infiltrado inflamatório e níveis séricos de IL-6 e IL-10. RESULTADOS: Não houve alteração em nenhum dos parâmetros avaliados. CONCLUSÃO: Não há benefício da hipertermia na PA grave experimental induzida por ácido taurocólico.

  8. Ramos colaterais parietais e terminais da aorta abdominal em Myocastor coypus (nutria Terminal and parietal colateral branches of the abdominal aorta in Myocastor coypus (nutria

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Paulete de Oliveira Vargas Culau

    2008-08-01

    Full Text Available Neste estudo, utilizaram-se 30 nutrias, 15 fêmeas e 15 machos, com o sistema arterial aórtico-abdominal preenchido com látex 603, pigmentado em vermelho, e fixado em uma solução aquosa de formaldeído a 20%. A aorta abdominal emitiu de sua superfície dorsal de 6 a 8 artérias lombares únicas. Das artérias renais, direita e esquerda, originaram-se as artérias frênico-abdominal para irrigar parte do diafragma e da parede abdominal lateral cranial. A aorta abdominal lançou dorsalmente, a artéria sacral mediana, cranialmente a sua bifurcação em artérias ilíacas comuns. As artérias ilíacas comuns, ramos terminais da aorta abdominal, originaram as artérias ilíacas interna e externa. A artéria ilíaca interna distribuiu-se nas vísceras da cavidade pélvica. A artéria ilíaca externa emitiu uma artéria umbilical e, antes de alcançar o anel femoral, lançou a artéria circunflexa ilíaca profunda para a parede abdominal lateral, em seus dois terços caudais. A artéria ilíaca externa lançou o tronco pudendo-epigástrico, que originou a artéria epigástrica caudal, para a parede abdominal ventral e a artéria pudenda externa, que saiu pelo canal inguinal, para irrigar a genitália externa. Os ramos parietais diretos da aorta abdominal foram as artérias lombares e a artéria sacral mediana, enquanto as artérias frênico-abdominal, circunflexa ilíaca profunda e epigástrica caudal, foram ramos colaterais parietais indiretos. Os ramos terminais da artéria aorta abdominal foram as artérias ilíacas comuns com seus ramos, as artérias ilíacas interna e externa.For this study it was used 30 nutria, 15 females and 15 males, with its abdominal aorta system full filled with latex 603, stained in red, and fixed in an aqueous solution of formaldehyde 20%. The abdominal aorta emitted from its dorsal surface 6 to 8 single lumbar arteries. From the renal arteries, left and right, it has been originated the phrenicoabdominal arteries

  9. Ultra-sonografia da aorta abdominal e de seus ramos em cães Ultrasonography of abdominal aorta and its branches in dogs

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Lilian Kamikawa

    2007-04-01

    Full Text Available O ultra-som bidimensional e o ultra-som Doppler foram utilizados para avaliar a biometria e a hemodinâmica da aorta abdominal e artérias ilíacas externas de 131cães clinicamente normais. Os resultados da avaliação biométrica da aorta abdominal indicaram um diâmetro médio de 0,80cm para o seu segmento diafragmático (AOD; 0,74cm para o seu segmento caudal às artérias renais (AOR e 0,69cm para o segmento cranial à sua bifurcação (AOT. A artéria ilíaca externa direita (AIED apresentou o diâmetro médio de 0,42cm e a artéria ilíaca externa esquerda (AIEE o diâmetro médio de 0,39. O estudo hemodinâmico da aorta abdominal apresentou velocidade de pico sistólico médio de 104,00cm/s para AOR; 99,61cm/s para AOT; 85,47cm/s para AIED e 99,51cm/s para AIEE. Verificaram-se correlações de diferentes intensidades entre os diâmetros vasculares em diferentes pontos de tomadas e os fatores biométricos corpóreos (CRL. Correlações baixas foram observadas quando esses diâmetros foram confrontados com a idade.A duplex ultrasound system incorporating a pulsed wave Doppler ultrasound probe with conventional B-mode real-time imaging was used to evaluate the biometric and the hemodynamic of abdominal aorta and external iliac arteries of a hundred and thirty one normal dogs. Results of biometrics of abdominal aorta, presented a mean diameter of 0.80cm in its diaphragmatic segment (AOD; 0.74cm in its segment caudal to the renal arteries (AOR and 0.69cm in the segment cranial to its termination (AOT. The right-external-iliac artery (AIED presented a mean diameter of 0.42cm and the left-external iliac artery (AIEE a mean diameter of 0.39cm. The hemodynamic study of the abdominal aorta presented a medium systolic peak velocity to AOR of 104cm per sec.; to AOT of 99.61cm per sec.; to AIED of 85.47cm per sec. and to AIEE of 99.51cm per sec. Correlations of different intensities between the vascular diameters have been verified between the

  10. Cirurgia conservadora da endocardite bacteriana aguda da valva tricúspide Conservative operation for bacterial endocardites of the tricuspide valve

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Iseu Affonso da Costa

    1988-08-01

    Full Text Available É relatado o caso de 1 paciente que apresentou endocardite aguda da valva tricúspide pós-aborto, cujo agente causal era o S. aureus. Como não houvesse resposta favorável ao tratamento antibiótico (gentamicina, vancomicina e oxacilina, optou-se pela intervenção, vinte dias após a internação. Foi praticada excisão de uma vegetação única e do tecido valvar adjacente, na comissura ântero-posterior e plicatura anular. O resultado foi favorável, com cura clínica. O exame ecocardiográfico confirmou a presença da vegetação no pré-operatório e o funcionamento conservado da valva, após a plastia. O tratamento cirúrgico, com retirada do tecido infectado e preservação da valva constitui uma alternativa aplicável a certos casos de endocardite aguda das valvas atrioventriculares.One case of acute bacterial endocarditis of the tricuspid valve caused by S. aureus and following a septic abortion is presented. Surgical treatment was indicated after failure of antibiotics. Operation consisted of excision of a large vegetation adherent to the anterior and posterior cusps at the commisure and of the affected valvar tissue. Annular plicature at the segment corresponding to the posterior cuspid was employed to maintain competence. Clinical result was very satisfactory with resolution of sepsis. Dopplerecocardiography revealed the presence of the vegetation before the operation and showed a small regurgitation after valvoplasty. Conservative operation upon the atrioventricular valves must be kept in mind as an alternative in the treatment of acute bacterial endocarditis.

  11. Incidência comparativa da apendicite aguda em população miscigenada, de acordo com a cor da pele Comparative incidence of acute appendicitis in a mixed population, related to the skin color

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Andy Petroianu

    2004-03-01

    Full Text Available RACIONAL: Apendicite aguda é uma emergência cirúrgica muito comum, mas sua etiopatogenia ainda permanece incompreendida. OBJETIVO: Avaliar aspectos epidemiológicos da apendicite aguda relacionados à cor da pele, sexo e idade. MÉTODOS: Foram estudados 500 pacientes operados de apendicite aguda e outros 500 doentes aleatórios tratados por diferentes doenças no Hospital das Clínicas da Universidade Federal de Minas Gerais, Belo Horizonte, MG. Avaliaram-se sexo, idade e cor da pele. Os resultados foram comparados por meio do teste qui-quadrado. RESULTADOS: Significativa prevalência de pacientes leucodérmicos (73,8% foi verificada nessas séries. Não houve predominância por sexo. O número de homens leucodérmicos com apendicite aguda foi significativamente maior do que homens leucodérmicos do grupo-controle. A incidência de melanodérmicos com apendicite foi significativamente menor do que a de pacientes negros do grupo-controle. A idade média da apendicite aguda foi de 23,2 anos para os pacientes leucodérmicos e de 32,3 anos para os melanodérmicos. CONCLUSÕES: Foi nítida a relação entre apendicite aguda com a cor branca da pele.BACKGROUND: Acute appendicitis is a very common surgical emergency, but its etiology and pathology remain incompletely understood. OBJECTIVE: To elucidate epidemiological aspects of acute appendicitis related to skin color, gender and age. METHODS: Five-hundred patients operated on for acute appendicitis, and other 500 patients treated for different diseases and considered as a control group were studied at "Hospital das Clínicas", Federal University of Minas Gerais, Belo Horizonte, MG, Brazil. Gender, age and skin color were investigated. The results were compared by chi-square test. RESULTS: There was no prevalence related to gender. A significant prevalence of white patients (73.8% was verified in this series. The number of white men with appendicitis was significantly higher than white men in the

  12. Effects of vitamin D in the prevention of acute viral bronchiolitis: systematic review = Efeitos da vitamina D na prevenção da bronquiolite viral aguda: revisão sistemática

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rueda, Angélica Maria Barba

    2015-01-01

    Full Text Available Objetivos: Evidências publicadas sugerem que a suplementação da vitamina D pode ter efeito protetor nas infecções do trato respiratório inferior. O objetivo desta revisão foi avaliar os efeitos da ingestão de vitamina D na prevenção da bronquiolite viral aguda em crianças. Métodos: Foram feitas buscas nas bases de dados Medline, EMBASE, Web of Science, LILACS e Cochrane Central Register of Controlled Trials, até dezembro de 2014, usando os descritores "Vitamin D" ou cholecalciferol ou ergocalciferol e "bronchiolitis, viral" ou "viral bronchiolitis" ou "bronchiolitides, viral" ou "viral bronchiolitides". Foram incluídos estudos que avaliaram o efeito da ingesta da vitamina D na prevenção da bronquiolite viral aguda em crianças. Estudos com intervenção menor que duas semanas e artigos de revisão foram excluídos. Resultados: A busca identificou 241 artigos, entre os quais 20 artigos foram selecionados para leitura na íntegra e dois artigos foram incluídos na revisão sistemática, incluindo 296 crianças. Nenhum estudo mediu os níveis séricos de vitamina D. Um dos estudos incluídos foi um ensaio clinico, no qual o número de episódios de bronquiolite foi significativamente menor nas crianças suplementadas com vitamina D (Grupo I: média 0, 6±0, 7 Grupo II: média 1, 4 ±0, 9; P =0, 001. No outro, um estudo de casos e controles, não se encontrou relação significativa entre casos de bronquiolite viral aguda e ingesta de vitamina D (odds ratio 1, 7 – intervalo de confiança 95% 0, 7 - 4, 0. Conclusões: As evidências científicas atuais são insuficientes para comprovar os benefícios clínicos da vitamina D na prevenção da bronquiolite viral aguda

  13. Tratamento de aneurismas da parte torácica da aorta pela introdução de "stents" sob visão endoscópica

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    José Honório PALMA

    1998-01-01

    Full Text Available Tratamento de paciente com dois aneurismas saculares da aorta descendente, utilizando dois "stents" distintos, manufaturados sob medida tanto em comprimento quanto em diâmetro. Inseridos sob visão endoscópica com aparelho da marca "Olimpus" esterilizado com óxido de etileno, através de abertura na croça da aorta. O procedimento foi realizado por esternotomia mediana, com circulação extracorpórea, em hipotermia profunda e parada circulatória total. A manipulação endoscópica da aorta descendente, sem sangue, permitiu a identificação dos dois aneurismas, assim como a visão dos ramos principais da aorta e a inserção com expansão , na posição exata, dos dois "stents". A evolução pós- operatória foi satisfatória, sendo que este procedimento, inédito, abre uma nova perspectiva no tratamento dos aneurismas torácicos, toracoabdominais e abdominais.This is a case report of a patient with two saccular aneurysms in the thoracic descending aorta. Treatment consisted of the positioning, through an opening in the aortic arch under deep hipothermia and total circulatory arrest, of two auto expandable stents, guided an Olympus endoscope. The bloodless field made possible the identification of the main thoracic and abdominal aortic branches facilitating the positioning and expansion of both stents. Immediate postoperative recovery was excellent. This is a previously unreported way of placing stents and could open a new perspective in the treatment of thoraco, abdominal and thoracic abdominal aortic aneurysms.

  14. Comportamento da síndrome coronariana aguda: resultados de um registro brasileiro

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Leopoldo Soares Piegas

    2013-06-01

    ão ajudar a promover um melhor planejamento e manejo do atendimento da síndrome coronariana aguda a nível público e privado.

  15. Screening for abdominal aortic aneurysms Rastreamento de aneurismas da aorta abdominal

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Telmo Pedro Bonamigo

    2003-01-01

    Full Text Available OBJECTIVE AND METHODS: Screening for abdominal aortic aneurysms may be useful to decrease mortality related to rupture. We conducted a study to assess the prevalence of abdominal aortic aneurysms in southern Brazil and to define risk factors associated with high prevalence of this disorder. The screening was conducted using abdominal ultrasound. Three groups were studied: Group 1 - cardiology clinic patients; Group 2 - individuals with severe ischemic disease and previous coronary surgery, or important lesions on cardiac catheterism; Group 3 - individuals without cardiac disease selected from the general population. All individuals were male and older than 54 years of age. The ultrasonographic diagnosis of aneurysm was based on an anteroposterior abdominal aorta diameter of 3 cm, or on an abdominal aorta diameter 0.5 cm greater than that of the supra-renal aorta. RESULTS: A total of 2.281 people were screened for abdominal aortic aneurysms in all groups: Group 1 - 768 individuals, Group 2 - 501 individuals, and Group 3 - 1012 individuals. The prevalence of aneurysms was 4.3%, 6.8% and 1.7%, respectively. Age and cigarette smoking were significantly associated with increased prevalence of aneurysms, as was the diagnosis of peripheral artery disease. DISCUSSION: We concluded that screening may be an important tool to prevent the mortality associated with abdominal aortic aneurysms surgery. Additionally, the cost of screening can be decreased if only individuals presenting significant risk factors, such as coronary and peripheral artery disease, smokers and relatives of aneurysm patients, are examined.OBJETIVO E MÉTODOS: O rastreamento de aneurisma da aorta abdominal infra-renal é importante pois pode diminuir a mortalidade relacionada à ruptura. Realizamos um estudo para definir a prevalência desses aneurismas em diversos segmentos da população em nossa região do Brasil. O rastreamento foi realizado utilizando-se a ecografia de abdômen. Tr

  16. Abordagem supraclavicular da artéria subclávia direita para estabelecimento de circulação extracorpórea nas doenças da aorta

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    FABRI Hélio Antônio

    2002-01-01

    Full Text Available OBJETIVO: Estabelecer a circulação extracorpórea através de canulação da artéria subclávia direita por meio de incisão supraclavicular. MÉTODO: Foram estudados, no período de outubro de 2001 a março de 2002, quatro pacientes com diagnóstico de dissecção aguda de aorta tipo A de Stanford, sendo realizada em todos os casos canulação da artéria subclávia direita por via supraclavicular e realização de perfusão cerebral anterógrada durante o período de parada circulatória total. RESULTADOS: A artéria subclávia direita foi canulada diretamente e não houve nenhuma complicação neurovascular relacionada ao procedimento. A circulação extracorpórea foi mantida com fluxo adequado durante toda a operação. Houve 1 óbito hospitalar, não relacionado ao procedimento. DISCUSSÃO: Um dos passos mais importantes na melhora dos resultados operatórios é a perfusão sistêmica anterógrada, realizada através do sistema arterial e a subclávia para isso permite a perfusão da luz verdadeira. A abordagem supraclavicular nos proporciona um campo operatório adequado e facilidade para a realização da perfusão cerebral anterógrada que também é importante neste arsenal para uma redução da mortalidade operatória. CONCLUSÃO: A incisão supraclavicular nos proporciona um acesso factível com boa exposição da artéria subclávia direita em uma região em que ela apresenta um bom calibre e com poucas estruturas adjacentes que poderiam ser lesadas. Além disso, possibilita a canulação de forma direta e com boa posição da cânula arterial.

  17. Origem anômala de uma artéria pulmonar da aorta ascendente: resolução da hipertensão arterial pulmonar com a correção cirúrgica Anomalous origin of one pulmonary artery from the ascending aorta: surgical repair resolving pulmonary arterial hypertension

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marco Aurélio Santos

    2004-12-01

    Full Text Available OBJETIVO: Enfatizar a possibilidade diagnóstica da origem anômala de uma artéria pulmonar da aorta ascendente, em lactentes com quadro de insuficiência cardíaca clinicamente intratável e sem defeito estrutural intracardíaco. MÉTODOS: Estudo retrospectivo em quatro lactentes com insuficiência cardíaca intratável, submetidos a estudo ecocardiográfico bidimensional com cortes subcostal, supraesternal e paraesternal, e a estudo hemodinâmico e angiocardiográfico na projeção ântero-posterior. RESULTADOS: Três dos quatro lactentes tinham a artéria pulmonar direita originando-se da aorta ascendente, como diagnóstico principal. No quarto paciente a artéria pulmonar esquerda originava-se da aorta ascendente associada à ampla comunicação interventricular. Os lactentes tinham pressão em ambas artérias pulmonares em nível sistêmico. Todos foram submetidos a tratamento cirúrgico que consistiu na translocação da artéria pulmonar anômala da aorta. Não houve óbitos cardíacos imediatos ou tardios. CONCLUSÃO: Uma vez estabelecido o diagnóstico de origem anômala de artéria pulmonar da aorta ascendente, na forma isolada, a correção cirúrgica deverá ser prontamente realizada, não só pelo desenvolvimento de doença vascular pulmonar, como pelos excelentes resultados cirúrgicos atualmente obtidos.OBJECTIVE: To emphasize the diagnostic possibility of the anomalous origin of one pulmonary artery from the ascending aorta in infants with clinically refractory heart failure and no intracardiac structural defect. METHODS: Retrospective study of 4 infants with refractory heart failure undergoing 2-dimensional echocardiographic study with subcostal, suprasternal, and parasternal views, and hemodynamic and angiocardiographic study in the anteroposterior projection. RESULTS: Three of the 4 infants had their right pulmonary artery originating from the ascending aorta as their major diagnosis. In the fourth patient, the left pulmonary

  18. Nefrite Intersticial Aguda Após Exposição a Losartan

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Letícia Schwerz Weinert

    2007-07-01

    Full Text Available Nefrite intersticial aguda é uma causa comum de perda aguda de função renal. Exposição a drogas é o fator desencadeante mais freqüentemente relatado, porém auto-imunidade e infecções também estão associadas. Os inibidores da enzima de conversão da angiotensina têm sido relatados como possíveis agentes, porém não há relato na literatura de nefrite intersticial com uso de losartan. Descrevemos então, o caso de perda aguda de função renal após exposição a losartan, em paciente com dano renal prévio por nefropatia diabética, cuja biópsia renal diagnosticou nefrite intersticial aguda.

  19. Origem anômala da artéria pulmonar direita em aorta ascendente (hemitruncus Anomalous origin of right pulmonary artery from ascending aorta (hemitruncus

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ivan Romero Rivera

    1998-05-01

    Full Text Available A origem da artéria pulmonar direita em aorta ascendente é uma anomalia congênita rara, com poucos casos descritos na literatura. Descrevemos dois casos desta malformação, um associado à interrupção de arco aórtico tipo B. Em ambos, o diagnóstico foi realizado mediante ecocardiografia bidimensional, com confirmação angiográfica em um. A origem da artéria pulmonar direita era próxima à valva aórtica, anomalia patogeneticamente diferente da origem perto da artéria inominada.The origin of the right pulmonary artery from the ascending aorta is a rare congenital anomaly, with very few reports in the literature. We describe two cases of this rare malformation, one of them, associated with interruption of the aortic arch (type B. In both cases, the diagnosis was made by two-dimensional echocardiography, with angiographic confirmation in one of them. The origin of the right pulmonary artery was close to the aortic valve, anomaly pathogenetically distinct from the type that arises close to the innominate artery.

  20. Tratamento cirúrgico da coarctação de aorta pela aortoplastia trapezoidal Surgical treatment of coarctation of the aorta using trapezoidal aortoplasty

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Jarbas Jakson Dinkhuysen

    2004-01-01

    Full Text Available OBJETIVO: A aortoplastia trapezoidal é uma variante técnica da anastomose término-terminal que, amparada em elementos da geometria, objetiva aumentar o diâmetro da aorta ao nível da sutura reduzida e, consequentemente, a manutenção de gradientes pressóricos residuais ou recorrentes indesejáveis a curto e a longo prazo. MÉTODOS: Após a ressecção da área coarctada e tecido ductal, são confeccionados em cada coto aórtico 3 trapezóides que, ao serem confrontados, criam linha de sutura com aspecto sinusoidal (zigue-zague. Foram operados por esta técnica 33 pacientes, a maioria homens, com idades variando de 3 meses a 36 anos (m 9,5 ± 9,7. RESULTADOS: Não ocorreu mortalidade imediata ou tardia e o tempo de evolução a longo prazo foi de 1,1 a 7,6 anos (m 3,6 ± 3,4. A maioria dos pacientes ficou assintomática com níveis normais de pressão arterial, possibilitando a descontinuação da terapêutica antihipertensiva (pOBJECTIVE: Trapezoidal aortoplasty is a technical variant of end-to-end anastomosis, which, based on elements of geometry, aims at increasing the diameter of the aorta at the level of the suture, therefore reducing the occurrence of residual or recurrent pressure gradients in the short and long run. METHODS: After resecting the coarcted area and ductal tissue, 3 trapezoids are confected in each aortic stump, which, when confronted, create a suture line with a sinusoidal aspect (zigzag. Thirty-three patients underwent surgery with this technique, 22 (66.7% males, with ages ranging from 3 months to 36 years (mean of 9.84 ± 9.69. RESULTS: No immediate or late deaths occurred. Follow-up ranged from 1.1 to 7.6 years (mean of 3.6 ± 3.4. Most patients became asymptomatic with normal blood pressure levels, enabling the discontinuation of antihypertensive therapy (P<0.0001. A significant reduction in the pressure gradients was observed on Doppler echocardiography and during cardiac catheterization (P<0.001. The analysis of

  1. Algumas características morfológicas segmentares da parede da aorta de galo doméstico (Gallus domesticus

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Josiane Medeiros de Mello

    2003-01-01

    Full Text Available A estrutura segmentar da parede aórtica foi estudada em galo doméstico, em níveis torácico e abdominal, nas dimensões de microscopias óptica e eletrônica de varredura. Secções histológicas selecionadas foram submetidas a estudos histomorfométricos usando métodos de análises de imagens. As variáveis analisadas foram as espessuras das túnicas da parede aórtica em três segmentos investigados, compreendendo as porções ascendente torácica; descendente torácica e abdominal, bem como os diâmetros tubulares, em cada porção, e o número médio de lamelas elásticas na túnica média de cada segmento analisado. A parede aórtica do galo doméstico apresenta estrutura predominantemente elástica nas porções torácicas, cujo número relativo de lamelas elásticas decresce gradualmente para a parte abdominal da aorta, onde células musculares lisas predominam. Os diâmetros aórticos decrescem também gradualmente, e progressivamente, da porção torácica ascendente para a porção torácica descendente, e desta para a porção abdominal da aorta.

  2. Estrutura, ultraestrutura e morfometria da aorta de paca (Cuniculus paca, Linnaeus, 1766 criada em cativeiro

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    S.P. Garcia Filho

    2012-06-01

    Full Text Available Descreveram-se a morfologia, morfometria e ultraestrutura de segmentos das porções torácica e abdominal da aorta de quatro pacas (Cuniculus paca adultas. Os segmentos aórticos foram analisados à microscopia de luz e à microscopia eletrônica de varredura. Mensuraram-se as espessuras do complexo formado pelas túnicas íntima e média, além da túnica adventícia. Os valores referentes à espessura do complexo formado pelas túnicas íntima e média da aorta torácica cranial foram significativamente maiores (média: 702,19µm que os valores de outros segmentos aórticos analisados (médias: 354,18µm; 243,55µm. As camadas das paredes do vaso apresentaram variações entre si quanto à estrutura e espessura, supostamente em razão de adaptação à exigência funcional.

  3. Influência da criação de um serviço de tratamento da dor aguda nos custos e no consumo de drogas analgésicas na sala de recuperação pós-anestésica

    OpenAIRE

    Gomes,Marcos Emanuel Wortmann; Evangelista,Paulo Ernani; Mendes,Florentino Fernandes

    2003-01-01

    JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: Sabe-se que a dor aguda pós-operatória apresenta grande influência na evolução dos pacientes cirúrgicos. Mobilização precoce, menor tempo de hospitalização, diminuição de custos e maior satisfação são resultados do adequado manuseio da dor. Observa-se uma tendência mundial ao surgimento de serviços especializados no tratamento da dor pós-operatória. O presente estudo visa descrever a influência da criação de um serviço de tratamento da dor aguda pós-operatória nos c...

  4. Infecção de prótese vascular em cirurgia da aorta torácica: revisão da experiência e relato de caso tratado por técnica não convencional Vascular prosthesis infection in thoracic aorta surgery: review of the experience and a case report illustrating treatment with an unconventional technique

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ronaldo Ducceschi Fontes

    2004-03-01

    Full Text Available Relatamos o caso de uma paciente de 37 anos de idade, que há cinco anos havia sido submetida à operação de Bental-de Bono em nosso serviço e retornou com dor de forte intensidade no toráx, sendo diagnosticada dissecção aguda de aorta do tipo III e tratada clinicamente. Um ano após esse episódio houve expansão dessa dissecção e a paciente foi submetida à cirurgia com interposição de prótese de dacron em aorta descendente. No pós-operatório imediato houve broncopneumonia esquerda e a paciente recebeu alta em boas condições e afebril. Após um mês da alta, retornou com febre e toxemia. Com diagnóstico de empiema pleural, foi submetida à toracotomia exploradora que não confirmou esse diagnóstico, havendo apenas intenso espessamento pleural. Quatro meses após a toracotomia exploradora, foram isolados Klebsiella pneumoniae e Enterobacter sp na hemocultura. A ressonância magnética revelou imagens compatíveis com infecção peri-prótese. Com esse quadro clínico e laboratorial foi indicada a remoção do enxerto e derivação axilo-bifemoral. A operação foi realizada com sucesso, a paciente recebeu alta em boas condições e continua fazendo controle ambulatorial e, atualmente, encontra-se com 57 meses de evolução sem complicações. São discutidos os métodos empregados para o diagnóstico e tratamento da infecção de prótese na cirurgia da aorta torácica.We report the case of a 37-year-old-female patient who had undergone a Bentall procedure at our service and returned with intense chest pain and acute aortic dissection type III, which was diagnosed and clinically treated. One year after this episode, this dissection expanded, and the patient underwent surgery with interposition of a Dacron graft in the descending aorta. In the immediate postoperative period, the patient experienced left bronchopneumonia and was discharged afebrile and in good condition. One month after discharge, she returned with fever and

  5. Valva aórtica bicúspide: fundamentos teóricos e clínicos para substituição simultânea da aorta ascendente Bicuspid aortic valve: theoretical and clinical aspects of concomitant ascending aorta replacement

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Mauro Paes Leme De Sá

    2009-06-01

    Full Text Available A valva aórtica bicúspide (VAB está associada à ectasia ânulo-aórtica, aneurisma e dissecção da aorta ascendente. A alta incidência desta malformação congênita e doença da aorta sugere íntima relação entre os fenômenos. Anormalidades ocorrendo em diferentes fases da migração das células da crista neural podem ser responsáveis pela ocorrência em anormalidades na valva aórtica, na camada média da aorta ascendente e nos vasos do arco aórtico. Estudos prévios revelam que mesmo indivíduos com VAB normal ou com disfunção leve podem apresentar dilatação da raiz aórtica. Os autores acreditam que somente as alterações hemodinâmicas produzidas por uma VAB sem estenose ou insuficiência parecem ser insuficientes para as graves complicações vasculares observadas nos portadores de VAB. Vários mecanismos têm sido propostos para explicar os achados moleculares e histológicos desta doença. Encontramos a redução da fibrilina-1 na aorta ascendente e artéria pulmonar como possível causa. Histologicamente, a aorta ascendente pode apresentar necrose cística da média e fragmentação elástica, semelhante àquela encontrada em portadores de síndrome de Marfan. Vários autores atualmente recomendam que em se operando um paciente com VAB, especialmente aqueles com insuficiência aórtica, mesmo na presença de uma discreta dilatação (45 mm deve-se substituir a valva aórtica e a aorta ascendente concomitantemente quando a expectativa de vida exceder 10 anos, para se prevenir futuros aneurismas ou rupturas.Bicuspid aortic valve (BAV is associated with annuloaortic ectasia, dissection and ascending aortic aneurysm. The high incidence of this congenital malformation and aortic disease suggests a close correlation between the two phenomena. Abnormalities in different phases of cell migration of the neural crest might be responsible for the occurrence of abnormalities in the aortic valve, media layer of the ascending aorta

  6. Uso de terapias não convencionais no manejo da crise aguda de asma refratária

    OpenAIRE

    OLIVEIRA RAQUEL HERMES ROSA; RIBEIRO ALEXANDRE DE OLIVEIRA; AMARANTE GUSTAVO ADOLPHO JUNQUEIRA; TEDDE MIGUEL LIA

    2002-01-01

    Uma paciente em crise aguda de asma, refratária ao uso de beta2-agonista inalatório e intravenoso, aminofilina intravenosa e corticóide, em ventilação mecânica, foi tratada com métodos terapêuticos não convencionais: broncoscopia, lavado broncoalveolar com N-acetilcisteína e ventilação com halotano. Houve melhora dos parâmetros ventilatórios após o lavado e a resolução do broncoespasmo ocorreu após a anestesia, propiciando a extubação e alta da UTI. É feita uma revisão da literatura sobre o u...

  7. Nutrição na pancreatite aguda : monografia : Nutrition in acute pancreatitis

    OpenAIRE

    Oliveira, Joana da Silva

    2009-01-01

    Resumo da tese:A pancreatite aguda (PA) é uma doença inflamatória aguda do pâncreas de etiologia multifactorial e pode ter atingimento local (PA ligeira a moderada) ou sistémico (PA grave). A magnitude da lesão pancreática, a presença e extensão da necrose e de infecção determinam o grau de gravidade. Prever a gravidade é fundamental para direccionar antecipadamente a terapêutica médica e nutricional. Na sua maioria, os episódios de PA são ligeiros a moderados, de resolução espontânea, enquan...

  8. A insuficiência da valva aórtica na dissecção crônica da aorta proximal: troca ou reconstrução valvar?

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ricardo Beyruti

    Full Text Available Com o objetivo de avaliar os resultados clínicos e ecocardiográficos tardios obtidos com a correção da insuficiência aórtica decorrente da dissecção crônica da aorta proximal, foram estudados 48 pacientes consecutivos operados entre janeiro de 1980 e dezembro de 1989, separados em 2 grupos de 24 pacientes cada. Grupo A - pacientes nos quais a valva aórtica foi preservada pela "resuspensão comissural"; Grupo B - pacientes nos quais a valva aórtica foi substituída. Na avaliação ecocardiográfica pré-operatória, os pacientes do Grupo B apresentavam grau de insuficiência aórtica, diâmetros ventriculares (sistólico e diastólico e da aorta ascendente significativamente maiores do que os do Grupo A (p=0,03, sendo comparáveis nos demais parâmetros. A mortalidade hospitalar foi 12,5% no Grupo A e de 4,17% no Grupo B e a sobrevida aos 7 anos, respectivamente, 75,75% ± 9,82% e 82,72% ± 7,87% (NS. A avaliação clínica mostrou que, no pós-operatório, houve melhora significativa (p<0,001 e semelhante dos parâmetros nos dois grupos. A comparação ecocardiográfica pré e pós-operatória tardia mostrou, da mesma forma, redução importante dos diâmetros sistólico e diastólico do ventrículo esquerdo e no diâmetro da aorta (p<0,05, mantendo-se inalteradas as frações de encurtamento e de ejeção ventriculares nos pacientes dos dois grupos. Nos pacientes do Grupo A, entretanto, houve persistência de insuficiência aórtica residual (p=0,03. Os autores concluem que, com as duas técnicas empregadas, o tratamento cirúrgico da dissecção da aorta ascendente com insuficiência aórtica associada permite sobrevida imediata e tardia satisfatórias e nítida melhora funcional. Nos pacientes do Grupo A, a insuficiência aórtica residual detectada à ecocardiografia não produziu sintomas ou repercussão hemodinâmica tardios e, desta forma, preconizam a preservação da valva, sempre que tecnicamente possível.

  9. O papel da avaliação inicial simplificada no prognóstico da pancreatite aguda

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Márcio Cavalcante Carneiro

    Full Text Available OBJETIVO: Correlacionar a avaliação clínico-laboratorial inicial simplificada com a gravidade da pancreatite aguda e a presença de necrose. MÉTODO: Foi realizado um estudo retrospectivo dos pacientes com diagnóstico final de PA internados no Hospital Universitário Clementino Fraga Filho - UFRJ entre janeiro de 1990 e agosto de 2002. Foi considerado apenas o primeiro episódio de cada paciente. Os dados obtidos foram submetidos a análise estatística. Foram estudados 164 pacientes onde a idade média foi de 43,7 anos. RESULTADOS: A etiologia biliar foi a mais freqüente com 43,9% dos casos. A incidência de necrose foi de 21,3% e a mortalidade global de 23,2%. Observamos que a ausência de taquicardia na admissão estava associada à forma branda da doença, e que os níveis plasmáticos de uréia e creatinina elevados na admissão estão associados à forma grave da doença, e a hiperglicemia (121mg/dl à necrose pancreática. CONCLUSÕES: A avaliação inicial simplificada ainda tem espaço, embora que limitado, no acompanhamento do paciente com PA.

  10. INSUFICIENCIA RENAL AGUDA CON UREMIA NORMAL EN PACIENTE MONO-RENO SECUNDARIA A PIELONEFRITIS AGUDA

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Musso CG

    2006-03-01

    Full Text Available RESUMEN:La insuficiencia renal aguda es un sindrome que característicamente cursa con niveles plasmáticos elevados de urea y creatinina. Sin embargo, hay situaciones clínicas en las cuales este sindrome puede cursar con un incremento de la creatininemia sin presentar elevación de la uremia.En este reporte presentamos un caso clínico de una insuficiencia renal aguda con uremia normal secundaria a una pielonefritis aguda en un paciente con riñón único. El paciente presentaba una elevada excreción fraccional de urea lo cual podía explicar su uremia normal pese a estar cursando una caída del filtrado gomerular. Dicha excreción de urea elevada fue interpretada como secundaria a una diabetes insipida nefrogénica y una alteración en el recirculado intra-renal de la urea ambos producto de la pielonefritis aguda. Concluimos que la pielonefritis aguda en un paciente mono-reno puede presentarse con un patrón de insuficiencia renal aguda con uremia normal. SUMMARYAcute renal failure is a syndrome that usually runs with an increase in creatinine and urea plasma levels. However, there are clinical situations in which this syndrome may run with an increase in plasma creatinine keeping normal the urea one.In this report we present a case of acute renal failure with normal plasma urea level secondary to an acute pyelonephritis in a single kidney patient. The patient had an increased fractional excretion of urea which could explain the normal plasma urea levels found despite of his reduced glomerular filtration. This increased urea excretion state was interpreted as a consequence of the nephrogenic diabetes insipidus and alteration of the intra-renal urea reciclying process that the acute pyelonephritis induced. In conclusion: Acute pyelonephritis in a single kidney patient can appear as a pattern of acute renal failure with normal plasma urea levels.

  11. INSUFICIENCIA RENAL AGUDA CON UREMIA NORMAL EN PACIENTE MONO-RENO SECUNDARIA A PIELONEFRITIS AGUDA

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Musso CG

    2007-04-01

    Full Text Available RESUMENLa insuficiencia renal aguda es un sindrome que característicamente cursa con niveles plasmáticos elevados de urea y creatinina. Sin embargo, hay situaciones clínicas en las cuales este sindrome puede cursar con un incremento de la creatininemia sin presentar elevación de la uremia. En este reporte presentamos un caso clínico de una insuficiencia renal aguda con uremia normal secundaria a una pielonefritis aguda en un paciente con riñón único. El paciente presentaba una elevada excreción fraccional de urea lo cual podía explicar su uremia normal pese a estar cursando una caída del filtrado gomerular. Dicha excreción de urea elevada fue interpretada como secundaria a una diabetes insipida nefrogénica y una alteración en el recirculado intra-renal de la urea ambos producto de la pielonefritis aguda. Concluimos que la pielonefritis aguda en un paciente mono-reno puede presentarse con un patrón de insuficiencia renal aguda con uremia normal.SUMMARYAcute renal failure is a syndrome that usually runs with an increase in creatinine and urea plasma levels. However, there are clinical situations in which this syndrome may run with an increase in plasma creatinine keeping normal the urea one. In this report we present a case of acute renal failure with normal plasma urea level secondary to an acute pyelonephritis in a single kidney patient. The patient had an increased fractional excretion of urea which could explain the normal plasma urea levels found despite of his reduced glomerular filtration. This increased urea excretion state was interpreted as a consequence of the nephrogenic diabetes insipidus and alteration of the intra-renal urea reciclying process that the acute pyelonephritis induced. In conclusion: Acute pyelonephritis in a single kidney patient can appear as a pattern of acute renal failure with normal plasma urea levels.

  12. Lesão pulmonar de reperfusão por oclusão da aorta abdominal: modelo experimental em ratos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    PINHEIRO BRUNO DO VALLE

    2000-01-01

    Full Text Available Introdução: Procedimentos cirúrgicos com oclusão da aorta têm sido associados a lesão pulmonar de reperfusão. O objetivo deste trabalho foi estudar a presença de edema pulmonar em um modelo de lesão de reperfusão por oclusão da aorta em ratos. Material e métodos: 33 ratos Wistar foram anestesiados com tiopental sódico (20mg/kg, via intraperitoneal, seguindo-se laparotomia por incisão mediana, para isolamento da aorta e cava inferior. A seguir, os animais foram randomizados em três grupos. Grupo isquemia-reperfusão (GIR, n = 5: animais submetidos a 30min de oclusão dos vasos, seguindo-se 120min de reperfusão. Grupo isquemia (GI, n = 5: animais submetidos a 30min de oclusão dos vasos. Grupo controle (GC, n = 5: animais submetidos apenas ao procedimento cirúrgico, sem oclusão dos vasos, acompanhados por 150min. Após o sacrifício, em 15 animais foram realizados estudos histopatológicos dos pulmões. Para caracterização de edema, foi realizada a análise morfométrica por contagem de pontos, determinando-se o índice de edema alveolar. Realizou-se também uma análise semiquantitativa da infiltração de polimorfonucleares nos pulmões. Em 18 animais retirou-se o pulmão direito para a determinação da relação entre os pesos úmido e seco. O índice de edema alveolar e a relação peso úmido/peso seco foram comparados entre os grupos através de ANOVA, com a correção de Bonferroni para comparação entre os grupos dois a dois. Resultados: Os animais do GIR apresentaram maior edema alveolar em relação aos do GI e GC (0,24; 0,18; 0,17; respectivamente, com p < 0,001. Não houve diferenças nas relações peso úmido/peso seco dos três grupos. Houve maior infiltração de células inflamatórias nos pulmões dos ratos submetidos a isquemia-reperfusão. Os autores concluem que a oclusão e desoclusão da aorta infra-renal está associada à lesão pulmonar. Essa lesão não foi induzida pela elevação da press

  13. Associação entre o polimorfismo rs2275913 de IL-17 e a gravidade da bronquiolite aguda em lactentes

    OpenAIRE

    Mocellin, Magáli

    2014-01-01

    Introdução: a bronquiolite viral aguda (BVA) é uma infecção respiratória de elevada incidência em lactentes. Os mecanismos associados à severidade da doença são ainda pouco conhecidos. Sua gravidade pode estar associada a fatores genéticos e imunológicos. Alguns mediadores da reposta imune parecem influenciar a resposta aos vírus, especialmente as interleucinas (ILs). A IL-17 é uma citocina pró-inflamatória presente no aspirado traqueal de pacientes com BVA. Esta interleucina induz a expressã...

  14. Microcristais biliares na pancreatite aguda idiopática: indício para etiologia biliar oculta subjacente

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    CHEBLI Júlio Maria Fonseca

    2000-01-01

    Full Text Available As principais causas de inflamação pancreática no mundo são a litíase biliar e o alcoolismo crônico. Admite-se que 10 a 30% das pancreatites agudas sejam idiopáticas. Sugere-se que parte destas são causadas por microlitíase ou barro biliar, identificados pela presença de microcristais no sedimento biliar. Neste estudo, realizou-se análise microscópica da bile obtida por colangiopancreatografia endoscópica, em pacientes com pancreatite aguda idiopática, pancreatite aguda biliar e pancreatite crônica alcoólica - 20 em cada grupo. Pacientes com pancreatite aguda idiopática e microcristais na bile foram submetidos a colecistectomia. Naqueles inaptos à cirurgia efetuou-se esfincterotomia endoscópica ou tratamento com ácido ursodesoxicólico. Pacientes com pancreatite aguda idiopática sem cristais não receberam tratamento específico. A prevalência de microcristais biliares em pacientes com pancreatite aguda idiopática (75% e pancreatite aguda biliar (90% foi significativamente maior que naqueles com pancreatite crônica alcoólica (15%. A detecção de microcristais apresentou sensibilidade de 90%, especificidade de 85%, valor preditivo positivo de 85,7%, valor preditivo negativo de 89,4% e acurácia de 87,5% em identificar pancreatite de origem biliar. Nos pacientes com pancreatite aguda idiopática recurrente, cursando com microcristais, houve redução significante dos episódios de pancreatite após tratamento específico. No seguimento deste grupo durante 23,3 meses, recidiva ocorreu apenas naqueles que apresentavam "fator biliar persistente" (coledocolitíase ou microcristais. Todos os pacientes com pancreatite aguda idiopática submetidos a colecistectomia apresentavam colecistite crônica, e microlitíase foi observada em um paciente. No seguimento ultra-sonográfico, colelitíase foi detectada em um dos casos. No subgrupo de cinco pacientes com pancreatite aguda idiopática sem microcristais houve uma recidiva. Estudo

  15. Study of acute hepatotoxicity of Equisetum arvense L. in rats Estudo da hepatotoxicidade aguda da Equisetum arvense L. em ratos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Nilo César do Vale Baracho

    2009-12-01

    Full Text Available PURPOSE: To evaluate the acute hepatotoxicity of Equisentum arvense L. in rats. METHODS: Fifty Wistar rats were used, these being divided in four groups, one being the control (receiving only water and the other groups receiving graded doses of Equisentum arvense L. (30, 50, and 100mg/kg respectively for 14 days. Blood samples were obtained to determine TGO, TGP, FA, DHL and GT-gamma activities. After that, hepatic tissue samples were collected for the anatomopathologic analysis. RESULTS: The anatomopathologic exam of the hepatic tissue showed organ with preserved lobular structure. In the same way, there was no significant change in the seric activities of the hepatic enzymes when compared to control group. CONCLUSION: The oral treatment with graded doses of Equisentum arvense L. was not able to produce hepatic changes. Further studies are necessary to evaluate the chronic hepatotoxicity of Equisentum arvense L. in rats.OBJETIVO: Investigar a hepatotoxicidade aguda da Equisetum arvense L. em ratos. MÉTODOS: foram utilizados 50 ratos Wistar, os quais foram divididos em quatro grupos, sendo um controle (recebendo apenas água e os outros grupos recebendo doses crescentes de cavalinha (30, 50 e 100mg/Kg, respectivamente por 14 dias. Foram coletadas amostras de sangue para determinação da atividade sérica de TGO, TGP, FA, DHL e gama-GT. Em seguida, foram obtidas amostras de tecido hepático para análise anatomopatológica. RESULTADOS: O exame anatomopatológico de tecido hepático demonstrou órgão com estrutura lobular preservada. Da mesma forma, não houve alteração significativa na atividade sérica das enzimas hepáticas, quando comparado ao grupo controle. CONCLUSÃO: O tratamento com doses crescentes de Equisetum arvense L., não induziu hepatotoxicidade aguda em ratos. Novos estudos são necessários para avaliar a hepatoxicidade crônica de Equisetum arvense L. em ratos.

  16. Carambola como causa de lesão renal aguda

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Karilla Lany Scaranello

    2014-04-01

    Full Text Available A carambola pertence à família das Oxalidáceas, espécie Averrhoa carambola. É rica em sais minerais, vitaminas A, C, complexo B e ácido oxálico. Estudos recentes demonstram que a toxicidade da fruta difere entre os indivíduos e pode ser explicada pelas respostas biológicas individuais como idade, quantidade da ingestão, neurotoxinas em cada tipo de fruta. Adicionalmente, a nefrotoxicidade causada pela fruta é dose dependente, podendo levar ao desenvolvimento de lesão renal aguda pela deposição de cristais de oxalato de cálcio intratubular, assim como por lesão direta das células epiteliais tubulares, levando à apoptose das mesmas. Relatamos o caso de uma paciente que, após a ingestão do suco da fruta e fruta in natura, desenvolveu lesão renal aguda, necessitando de terapia dialítica, evoluindo com desfecho favorável e recuperação da função renal.

  17. Estudo epidemiológico e avaliação de fatores de risco da infecção por Toxoplasma gondii e achados clinico-patológicos da infecção aguda em cães admitidos em um Hospital Escola Veterinário

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Angelita D. Strital

    Full Text Available RESUMO: Esse trabalho teve como objetivo estudar a prevalência e respectivos fatores de risco para infecção do Toxoplasma gondii em cães provenientes de uma população hospitalar. Além disso, avaliou-se as taxas de ocorrência e as repercussões clínico-patológicas da infecção aguda pelo T. gondii nesses animais. Anticorpos foram detectados em 7% (26/386 da população estudada, composta de 386 cães de ambos os sexos e diferentes raças e idades. Somente as variáveis, ingestão de vísceras, origem rural e contato com bovinos apresentaram valores significativos com p<0.05. Adicionalmente os cães de origem rural apresentaram maiores risco (OD=7.00 de infecção do que aqueles de origem urbana. Em 6,5% (25/386 foram detectados títulos de contato (entre 16 e 256; esses títulos não significam necessariamente infecção aguda e sim apenas exposição prévia. É de fundamental importância o reconhecimento da infecção prévia por T. gondii nesses pacientes hospitalares. Dependendo da causa da admissão, mesmo não sendo a toxoplasmose a responsável, o paciente deve receber o tratamento anti-protozoário profilaticamente ou ser monitorado para posterior tratamento em caso de reagudização da enfermidade por recrudescência dos bradizoítos encistados. Apenas um animal (3.44%, 1/386 foi admitido com titulação elevada, o qual pode ser sugestivo de infecção aguda (titulo de 4096. Embora o animal com infecção aguda tenha sido apresentado com sinais neurológicos, cautela é necessária para não extrapolar uma falsa interpretação que a toxoplasmose é a grande responsável por quadros neurológico, uma vez que inúmeros outros casos incluídos nesse estudo tinham manifestações neurológicas e não tinham títulos de infecção aguda, nem mesmo título de contato prévio. A toxoplasmose aguda não foi uma afecção clínica expressiva nessa ambiência hospitalar, no entanto diagnóstico diferencial deve ser feito nos pacientes

  18. Fatores preditivos da evolução da asma aguda em crianças Factors predictive of the development of acute asthma attacks in children

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria Luisa Zocal Paro

    2005-10-01

    Full Text Available OBJETIVO: Identificar fatores preditivos da evolução da asma aguda, a partir de características clínicas e funcionais observadas no momento da admissão de crianças em unidade de emergência. MÉTODOS: Este estudo avaliou prospectivamente 130 crianças com asma aguda, na faixa etária de um a treze anos, no momento da admissão e durante a evolução em unidade de emergência, através de escore clínico e medidas de saturação arterial de oxigênio por oximetria de pulso e do pico de fluxo expiratório. RESULTADOS: Os valores iniciais de escore clínico, saturação arterial de oxigênio medida por oximetria de pulso e pico de fluxo expiratório apresentaram correlação com o número de inalações realizadas e a necessidade do uso de corticosteróide. As médias dos valores iniciais de escore clínico e da saturação arterial de oxigênio dos pacientes que foram internados foram estatisticamente diferentes das dos que não foram internados. Os valores iniciais de escore clínico e de saturação arterial de O2 e a existência de atendimento anterior pela mesma exacerbação foram preditivos da necessidade de hospitalização das crianças. CONCLUSÕES: A medida da saturação arterial de O2 e o escore clínico foram úteis para predizer a evolução da asma aguda em crianças. A medida do pico de fluxo expiratório é de difícil obtenção e interpretação nessa condição e demonstrou ter pouca aplicação prática.OBJECTIVE: To use clinical and functional characteristics observed upon admission to an emergency room to identify factors predictive of the occurrence and course of acute asthma attacks in children. METHODS: We prospectively studied 130 asthmatic children, from 1 to 13 years of age, who were treated for acute asthma attacks in an emergency room, evaluating status determined at admission and over the course of the crisis. Clinical scores were determined and arterial oxygen saturation by pulse oximetry was measured, as was

  19. Relação entre polimorfismos de IL-8 e a gravidade da bronquiolite viral aguda

    OpenAIRE

    Leitão, Lidiane Alves de Azeredo

    2013-01-01

    Introdução : Até os 2 anos de idade, praticamente, todos os lactentes apresentam infecção por vírus sincicial respiratório (VSR). Entretanto, a gravidade da bronquiolite viral aguda (BVA) pode variar significativamente. Essa grande variação pode ser causada por fatores genéticos e imunológicos. Estudos prévios indicam que vias aéreas infectadas por VSR contêm níveis elevados de interleucina-8 (IL-8). O conhecimento de polimorfismos genéticos associados à BVA grave pode ter grande relevância c...

  20. Ataxia cerebelar aguda na criança

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Valeriana Moura Ribeiro

    1968-03-01

    Full Text Available São relatados os casos de 6 crianças com ataxia cerebelar aguda. Admitem os autores a presença de um fator etiológico de caráter viral comum a todos êles, discutindo os mecanismos patogênicos com base nos casos da literatura. A evolução foi favorável em todos os pacientes, com regressão completa da sintomatologia, dentro do período de 6 a 60 dias.

  1. Efeitos de um programa de reabilitação acelerado após o tratamento cirúrgico da ruptura aguda do tendão de Aquiles

    OpenAIRE

    Ott, Rafael Duvelius

    2010-01-01

    Objetivo: Avaliar os efeitos de um protocolo acelerado de reabilitação (ACE) versus um protocolo tradicional de imobilização do tornozelo (TRA) sobre a função muscular e articular, após o tratamento cirúrgico da ruptura aguda do tendão de Aquiles. Método: 37 pacientes com diagnóstico de ruptura aguda do tendão de Aquiles foram submetidos ao tratamento cirúrgico aberto com reparo término-terminal pela técnica de Krackow. Após a cirurgia, foram divididos em dois grupos: no grupo ACE foi utiliza...

  2. Surto de toxoplasmose aguda transmitida através da ingestão de carne crua de gado ovino

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Bonametti Ana Maria

    1997-01-01

    Full Text Available Os autores apresentam 17 casos de toxoplasmose aguda sintomática adquirida pela ingestão de carne crua de carneiro, servida em uma festa à qual todos os pacientes compareceram. Em relação ao quadro clínico, o período de incubação da doença variou de 6 a 13 dias (10,9 ± 7,0 e 16 (94,5% pacientes apresentaram febre, cefaléia, mialgia, artralgia e adenomegalia (cervical ou cervical/axilar. Outros sinais clínicos encontrados foram: hepatomegalia em 6 pacientes, esplenomegalia em 4 e exantema em 2. Um paciente apresentou quadro clínico de corioretinite, confirmada através de exame oftalmológico. Todos os pacientes apresentavam títulos séricos de anticorpos específicos (IgG e IgM que evidenciavam fase aguda de toxoplasmose, pela Reação de Imunofluorescência Indireta. Todos os pacientes foram tratados especificamente e houve boa resposta clínica e laboratorial ao tratamento.

  3. Cerebelite aguda causada por vírus Epstein-Barr: relato de caso

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Teive Hélio A.G.

    2001-01-01

    Full Text Available A cerebelite aguda pode ocorrer em associação a infecção pelo vírus da varicela-zoster, enterovirus, caxumba, micoplasma e outros agentes infecciosos. A cerebelite aguda é uma complicação rara da infecção pelo vírus Epstein-Barr (EBV. Relatamos o caso de uma mulher de 21 anos com história de 12 dias de evolução com náuseas, vômitos, ataxia de marcha e membros, tremor cefálico e de membros, opsoclono, mioclonias e rash cutâneo. Sorologia para EBV foi positiva. A infecção pelo EBV, com complicações neurológicas, pode não se apresentar com os sinais e sintomas clássicos da mononucleose infeciosa.

  4. NGAL urinária em pacientes sem e com lesão renal aguda em unidade de terapia intensiva

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Mirian Watanabe

    2014-12-01

    Full Text Available Objetivo: Avaliar a eficácia diagnóstica e prognóstica da lipocalina associada à gelatinase neutrofílica urinária em pacientes de unidade de terapia intensiva. Métodos: Estudo do tipo coorte, prospectivo, longitudinal desenvolvido em uma unidade de terapia intensiva clínica especializada em cardiologia. Os pacientes foram estratificados segundo os grupos sem e com lesão renal aguda, acompanhados a partir das primeiras 24 horas de internação até a alta hospitalar ou óbito. A creatinina sérica, o fluxo urinário e a lipocalina associada à gelatinase neutrofílica urinária foram coletadas em dois períodos: 24 horas e 48 horas de admissão. Resultados: Foram avaliados 83 pacientes clínicos da unidade de terapia intensiva, com predomínio do gênero masculino (57,8%. Os pacientes foram agrupados em sem lesão renal aguda (N=18, com lesão renal aguda (N=28 ou com lesão renal aguda grave (N=37. Entre os pacientes com lesão renal aguda e lesão renal aguda grave, foram prevalentes os portadores de doenças crônicas, em uso de ventilação mecânica e em terapia de substituição renal, além daqueles com maiores taxas de permanência na unidade de terapia intensiva e hospitalar, e maior mortalidade. O grupo com lesão renal aguda não apresentou alteração significativa da creatinina sérica nas primeiras 24 horas na unidade de terapia intensiva, apesar dos níveis elevados de lipocalina associada à gelatinase neutrofilica urinária demonstrados nos grupos com lesão renal aguda e lesão renal aguda grave (p<0,001. Níveis elevados de lipocalina associada à gelatinase neutrofílica urinária na amostra foram associados ao óbito. Conclusão: A elevação nos níveis de lipocalina associada à gelatinase neutrofílica urinária antecede as variações da creatinina sérica em pacientes com lesão renal aguda e pode ser associada ao óbito.

  5. Síndrome coronariana aguda em paciente jovem com sintomas atípicos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Gustavo Daher

    2012-08-01

    Full Text Available O diagnóstico da dor torácica aguda no setor de emergência pode ser difícil e desafiador, incluindo diversos diagnósticos diferenciais, dentre eles: causas benignas a causas potencialmente fatais. O diagnóstico na maioria das vezesé estabelecido através do quadro clínico e de exames complementares como: marcadores de necrose miocárdica, eletrocardiograma e radiografia de tórax.A angiotomografia coronariana tem sido utilizada nos casos de dor torácica aguda com baixa ou intermediária probabilidade de síndrome coronariana aguda, permitindo sua exclusão e conseqüente alta precoce dos pacientes. Apresentamosrelato de caso de uma paciente jovem com dor precordial atípica e marcadores de necrose miocárdica discretamente elevados. Considerando-se a epidemiologia e o quadro clínico da paciente, foi feita hipótese diagnóstica inicial de miocardite. A angiotomografia cardíaca com pesquisa de realce tardiofoi solicitada. Apesar do escore de cálcio ter sido zero, foi diagnosticada lesão estenosante grave no terço médio da artéria coronária descendente anterior com realce tardio na parede anterior do ventrículo esquerdo, compatível comnecrose miocárdica. A paciente foi submetida a cateterismo com angioplastia da lesão.

  6. Estado oxidante e antioxidante de crianças com bronquiolite aguda

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rusen Dundaroz

    2013-08-01

    Full Text Available OBJETIVO: O estresse oxidativo demonstrou contribuir para a patogênese de doenças pulmonares inflamatórias agudas e crônicas. Nosso objetivo foi avaliar o estado oxidante/antioxidante de crianças com bronquiolite aguda por meio de mensuração da capacidade antioxidante total do plasma, estado oxidante total e índice de estresse oxidativo. MÉTODOS: As crianças com bronquiolite aguda encaminhadas para o Departamento de Emergência Pediátrica do hospital universitário entre janeiro e abril 2012 foram comparadas a controles saudáveis de mesma idade. Os pacientes com bronquiolite aguda tiveram essa doença classificada como leve e moderada. O estado oxidante e antioxidante foi avaliado pela mensuração da capacidade antioxidante total do plasma, estado oxidante total e índice de estresse oxidativo. RESULTADOS: Foram incluídas 31 crianças com bronquiolite aguda com idade de três meses a dois anos e 37 crianças saudáveis. O estado oxidante total (EOT foi maior em pacientes com bronquiolite aguda do que no grupo de controle (5,16±1,99 µmol H2O2 em comparação a 3,78±1,78 µmol H2O2 [p = 0,004]. A capacidade antioxidante total (CAT foi significativamente menor em crianças com bronquiolite que no grupo de controle (2,51±0,37 µmol Trolox equivalente/L em comparação a 2,75±0,39 µmol Trolox Eqv/L (p = 0,013. Os pacientes com bronquiolite moderada apresentaram níveis de EOT mais elevados que os com bronquiolite leve e os do grupo de controle (p = 0,03, p < 0,001. Os pacientes com bronquiolite moderada apresentaram níveis de IEO mais elevados que os do grupo de controle (p = 0,015. O nível de saturação de oxigênio de pacientes com bronquiolite foi inversamente correlacionado ao nível de EOT (r = -0,476, p < 0,05. CONCLUSÃO: O equilíbrio entre os sistemas oxidante e antioxidante é interrompido em crianças com bronquiolite moderada, indicando que o fator de estresse poderá ter um papel na patogênese da doença.

  7. A administração aguda de cafeína previne o comprometimento da memória pela escopolamina em camundongos adultos

    OpenAIRE

    Paulo Henrique Saldanha Botton

    2011-01-01

    A cafeína é a substância psicoestimulante mais consumida no mundo todo. Muitos estudos já foram realizados avaliando os seus benefícios sobre as funções cognitivas. Algumas evidências sugerem a participação do sistema colinérgico nos efeitos da cafeína, mas os estudos ainda são incipientes. O objetivo desse estudo foi verificar os efeitos da administração aguda de cafeína frente ao bloqueio dos receptores colinérgicos muscarínicos pela administração do antagonista não-seletivo escopolamina. C...

  8. Insuficiência Hepática Aguda da Gravidez Experiência Clínica com Sete Casos Acute Liver Failure of Pregnancy ¾ Clinical Experience with Seven Cases

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marcelo Perosa

    2001-04-01

    Full Text Available Objetivos: avaliar a dificuldade diagnóstica, o tratamento e seu resultado em casos de insuficiência hepática aguda da gravidez. Métodos: sete pacientes com insuficiência hepática aguda da gravidez admitidas em nosso Serviço nos últimos quatro anos foram estudadas com ênfase nos sintomas presentes, achados laboratoriais, curso clínico, complicações maternas e sobrevida fetal. Resultados: a média de idade foi de 25,8 anos (sendo duas primigestas com idade gestacional média de 30,1. Destas, quatro receberam diagnóstico final de esteatose hepática aguda da gravidez e três de colestase intra-hepática da gravidez. Os principais sinais e sintomas encontrados foram: anorexia, náusea, dor abdominal, icterícia e encefalopatia. Ocorreu morte materna em dois casos: uma paciente por falência hepática enquanto aguardava órgão para transplante e outra por falência hepática, coagulopatia grave e choque hemorrágico após biópsia hepática. Uma paciente com esteatose hepática aguda evoluiu para cronicidade e encontra-se viva um ano após transplante hepático. Nos quatro casos restantes houve completa remissão do quadro com as medidas de suporte, associadas à interrupção da gravidez. As mortalidades materna e fetal foram, respectivamente, 28,6% e 57,1%. Conclusões: concluiu-se, nesta experiência inicial, que a insuficiência hepática aguda da gravidez constitui evento clínico grave, de elevada mortalidade materno-fetal, e que seu pronto reconhecimento e encaminhamento para centros terciários especializados em fígado, além da imediata interrupção da gestação, são fatores decisivos para o sucesso do tratamento.Purpose: to evaluate the diagnostic difficulties, treatment and outcome in cases of acute liver failure of pregnancy. Methods: seven patients with acute liver failure of pregnancy, managed during the past 4 years, were studied with emphasis on presenting symptoms, laboratory findings, clinical course, maternal

  9. Uso do escore prognóstico APACHE II e ATN-ISS em insuficiência renal aguda tratada dentro e fora da unidade de terapia intensiva

    OpenAIRE

    Fernandes,Natáia Maria da Silva; Pinto,Patrícia dos Santos; Lacet,Thiago Bento de Paiva; Rodrigues,Dominique Fonseca; Bastos,Marcus Gomes; Stella,Sérgio Reinaldo; Cendoroglo Neto,Miguel

    2009-01-01

    INTRODUÇÃO: A insuficiência renal aguda (IRA) mantém alta prevalência, morbidade e mortalidade. OBJETIVO: Comparar o uso do escore prognóstico APACHE II com o ATN-ISS e determinar se o APACHE II pode ser utilizado para pacientes com IRA, fora da UTI. MÉTODOS: Coorte prospectiva, 205 pacientes com IRA. Analisamos dados demográficos, condições pré-existentes, falência de órgãos e características da IRA. Os escores prognósticos foram realizados no dia da avaliação do nefrologista. RESULTADOS: A ...

  10. Porfiria aguda intermitente: relato de caso e revisão da literatura Acute intermittent porphyria: case report and review of the literature

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Daniela von Ah Lopes

    2008-12-01

    Full Text Available Porfiria aguda intermitente é patologia incomum, com conseqüências potencialmente graves se não reconhecida precocemente. Dentre as possíveis causas de indução de crises de porfiria, a redução da ingestão calórica é descrita na literatura. Relatamos um caso de porfiria aguda intermitente no pós-operatório tardio de gastroplastia indicada para tratamento da obesidade, revisando aspectos do diagnóstico e tratamento da patologia na unidade de terapia intensiva. Paciente feminina, 31 anos, com história de gastroplastia há 3 semanas admitida na unidade de terapia intensiva com rebaixamento do nível de consciência e desconforto respiratório. Evoluiu com agitação psicomotora, confusão mental, dor abdominal e tetraparesia proximal. Na investigação diagnóstica foi encontrado hiponatremia grave (92 mEq/L, hipomagnesemia, hipofosfatemia e hipocalcemia, urina turva, sem hematúria. Aventou-se hipótese de porfiria aguda, realizado dosagem do ácido delta-aminolevulínico e porfobilinogênio na urina de 24h, com elevação de ambos. Iniciado tratamento com dieta rica em carboidratos, sem utilizar hematina ou arginato de heme, devido à dificuldades no fornecimento destas medicações. Evoluiu com melhora clínica gradativa e recuperação completa da força muscular após 8 meses. A porfiria aguda intermitente possui sinais e sintomas comuns a muitas patologias clínicas e neuropsiquiátricas dificultando o diagnóstico, em especial quando estes se manifestam isoladamente. Assim, deve-se incluir a porfiria aguda intermitente no diagnóstico diferencial de distúrbios neurológicos, psiquiátricos e gastroenterológicos em crises, no qual todos os demais exames estejam normais. Atenção deve ser dada a pacientes submetidos à cirurgias, em especial cirurgia bariátrica que, além do estresse cirúrgico, limita substancialmente a ingesta calórica podendo desencadear crises. Não há descrito na literatura, até o momento, nenhum

  11. Estudo imunobiológico de estoques de Trypanosoma cruzi isolados de pacientes na fase aguda da doença de Chagas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    T.L. Kipnis

    1983-12-01

    Full Text Available Estoques de tripanossomas isolados de pacientes na fase aguda da doença de Chagas foram injetados em grupos de camundongos albinos não isogênicos nas doses de 10³, 10(4 e 10(5 parasitas/camundongos. O curso da infecção foi seguido por três meses. A pctrasitemia foi em geral baixa, com picos recorrentes, na maioria das vezes os animais evoluiam para cronicidade. Somente um estoque induziu alto índice de mortalidade. Os parasitas e as lesões apesar de detectadas no pico da parasitemia e restritos ao coração estavam ausentes aos três meses. Nesta época os perfis de Igs apresentaram diferenças marcantes. Grupos de animais que foram inoculados com estes estoques foram desafiados com doses letais da cepa Y ou CL. Em alguns casos obteve-se uma parasitemia, mas patente.

  12. Angiotomografia de coronárias na avaliação da dor torácica aguda na sala de emergência

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Carlos Eduardo Elias dos Prazeres

    2013-12-01

    Full Text Available A angiotomografia de coronárias emergiu recentemente como uma ferramenta diagnóstica acurada na avaliação da doença arterial coronariana, fornecendo dados diagnósticos e prognósticos que se correlacionam diretamente com os dados fornecidos pela cineangiocoronariografia. Com a evolução tecnológica, permitindo melhora na resolução temporal, espacial, melhor cobertura do volume cardíaco com redução significativa da dose de radiação, somada à necessidade de protocolos de estratificação de risco mais efetivos para pacientes com dor torácica no pronto-socorro, sua aplicação passou a ser testada no cenário da dor torácica aguda, já que cerca de dois terços das angiografias coronarianas invasivas não demonstram doença coronariana obstrutiva significativa. Na prática diária, sem o uso de tecnologias mais eficientes, como a angiotomografia de coronárias, permanece um desafio ao médico do setor de emergência a estratificação segura e eficiente do paciente com dor torácica aguda. Recentemente, vários estudos, incluindo três randomizados, mostraram resultados favoráveis ao uso dessa tecnologia no pronto-socorro para pacientes com baixa a intermediária probabilidade de doença arterial coronariana. Nesta revisão, apresentamos os dados do uso da angiotomografia de coronárias na estratificação de risco de pacientes com dor torácica na sala de emergência, o seu valor diagnóstico, prognóstico e custo-efetividade e uma análise crítica dos recentes estudos multicêntricos publicados.

  13. Lúpus eritematoso sistêmico e pancreatite aguda: relato de dois casos

    OpenAIRE

    Azevedo, Ana Beatriz Cordeiro de; Brito, Fabiano Almeida; Santos, Flávia Patrícia Sena Teixeira; Ferreira, Gilda Aparecida; Carvalho, Marco Antônio Parreiras de

    2003-01-01

    A pancreatite aguda é uma manifestação incomum do lúpus eritematoso sistêmico (LES) e a freqüência desta associação não é conhecida. Contudo, a pancreatite aguda é um diagnóstico diferencial importante na avaliação da dor abdominal em pacientes com LES. Os pacientes, normalmente, apresentam dor de intensidade variável, algumas vezes simulando abdome agudo. Vários fatores têm sido implicados na patogênese desta condição, tais como fenômenos autoimunes, vasculite, anticorpos antifosfolípides e ...

  14. Exacerbação aguda da fibrose pulmonar idiopática

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Natália Melo

    2009-03-01

    Full Text Available Resumo: Alguns doentes com fibrose pulmonar idiopática (FPI apresentam durante a sua evolução fases de agravamento clínico sem causa conhecida, designadas como “exacerbação aguda” ou “fase acelerada” da doença (EA. Caracterizam-se pelo agravamento marcado da dispneia, hipoxemia e pelo aparecimento de novas opacidades pulmonares ou pelo agravamento das já existentes no estudo imagiológico. Os achados histológicos típicos são o dano alveolar difuso (DAD sobreposto a alterações de pneumonia intersticial usual (UIP. Esta entidade clínica associa-se a uma mortalidade elevada, não havendo até ao momento nenhuma terapêutica de comprovada eficácia.Os autores descrevem os casos clínicos de cinco doentes que apresentaram alterações clínicas, funcionais e radiológicas sugestivas de EA-FPI, assim como o tratamento efectuado e a evolução observada, enquadrando-os na discussão das características normalmente apresentadas por esta entidade. Abstract: Some patients with Idiopathic Pulmonary Fibrosis (IPF have disease accelerated deterioration without identifiable cause referred as “acute exacerbation” or “accelerated stage”. It is characterized by severe worsening of dyspnea, hypoxemia and new or progressive opacities on imaging studies. The typical histological findings are diffuse alveolar damage in addition to the features of usual interstitial pneumonia pattern. Mortality in this clinical entity is very high and no efficacious therapeutic have been described.The authors describe the clinical, functional and radiological features, treatment and evolution of five patients with IPF acute exacerbation. A discussion will be carry out concerning the IPF acute exacerbation usual features comparing with the alterations noticed in those patients. Palavras-chave: Fibrose pulmonar idiopática, exacerbação aguda, Key words: Idiopathic

  15. Manejo da asma aguda em adultos na sala de emergência: evidências atuais Management of acute asthma in adults in the emergency room: current evidence

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Paulo de Tarso Roth Dalcin

    2009-01-01

    Full Text Available Asma é uma doença com uma alta prevalência em nosso meio e ao redor do mundo. Embora novas opções terapêuticas tenham sido recentemente desenvolvidas, parece haver um aumento mundial na sua morbidade e mortalidade. Em muitas instituições, as exacerbações asmáticas ainda se constituem em uma emergência médica muito comum. As evidências têm demonstrado que o manejo da asma aguda na sala de emergência concentra decisões cruciais que podem determinar o desfecho desta situação clínica. Nesta revisão, enfocaremos a avaliação e o tratamento do paciente com asma aguda na sala de emergência, descrevendo uma estratégia apropriada para o seu manejo. Serão consideradas as seguintes etapas: diagnóstico, avaliação da gravidade, tratamento, avaliação das complicações, decisão sobre onde se realizará o tratamento adicional e orientações por ocasião da alta da emergência. Espera-se que estas recomendações contribuam para que o médico clínico tome as decisões apropriadas durante o manejo da asma aguda na sala de emergência.Asthma is a disease with high prevalence in our country and worldwide. Although new therapeutic approaches have been developed recently, there seems to be a global increase in morbidity and mortality from asthma. In many institutions, asthma exacerbation is still a common medical emergency. Clinical evidence demonstrates that management of acute asthma in the emergency room entails crucial decisions that could determine the clinical outcome. In this review, the authors focus on assessment and treatment of patients with acute asthma and outline an appropriate management strategy. Diagnosis, severity assessment, treatment, complications, decision about where additional treatment will take place and orientations on discharge from the emergency will be considered. It is expected that these recommendations will help physicians to make the appropriate decisions about care of acute asthma in the emergency

  16. Quantificação gênica pré-transplante renal : predição da rejeição aguda

    OpenAIRE

    Raphael Sahd

    2012-01-01

    Introdução. A rejeição aguda (RA) permanece entre as principais causas de perda de enxertos renais. A disponibilidade de biomarcadores prognósticos de RA no período pré-transplante poderia ser útil na individualização do tratamento destes pacientes. Neste estudo avaliamos o potencial da mensuração do RNA mensageiro de diferentes genes envolvidos na resposta alogênica como biomarcadores prognósticos pré-transplante. Material. Foram coletadas amostras pré-transplante de 51 pacientes que receber...

  17. Circulação coronária dependente do ventrículo direito na atresia pulmonar com septo interventricular íntegro. Ausência da origem das artérias coronárias da aorta Right ventricle-dependent coronary circulation in pulmonary atresia with intact ventricular septum. Absence of origin of the coronary arteries from the aorta

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ivan Romero Rivera

    1998-08-01

    Full Text Available São descritos os aspectos clínicos, ecocardiográficos e angiográficos de um neonato de sexo masculino, com cinco dias de vida e diagnóstico de atresia pulmonar com septo interventricular íntegro. Tanto o ecocardiograma como a aortografia mostraram ausência da origem das artérias coronárias da aorta. O ecocardiograma bidimensional e, posteriormente, a ventriculografia direita identificaram as artérias coronárias, originando-se no ventrículo direito. Não houve contrastação retrógrada da aorta ou do tronco pulmonar quando contrastadas as artérias coronárias. Este é o primeiro caso relatado com diagnóstico ecocardiográfico pré angiografia, e é um exemplo da necessidade de se avaliar as artérias coronárias em pacientes com atresia pulmonar e septo ventricular íntegro.This report describes the clinical, echocardiographic and angiographic aspects of a five-day old boy with pulmonary atresia and intact ventricular septum. Both the echocardiogram and the aortography did not show any coronary arteries arising from the aorta. Two-dimensional echocardiography was able to identify the coronary arteries originating from the right ventricle and so did the right ventricular angiogram. No retrograde flow into the aorta or pulmonary trunk was identified after opacification of the coronary arteries. As far as we know this is the first case diagnosed by echocardiography, and is a vivid example of the necessity of identifying the coronary arteries in patients with pulmonary atresia and intact ventricular septum.

  18. Histopatologia da esquistossomose mansoni em fígado de Mus musculus infectado por amostras humanas de fase aguda e crônica da periferia de Belo Horizonte, Minas Gerais

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Amélia Dulce Vilela de Carvalho

    1986-06-01

    Full Text Available Exemplares de Biomphalaria glabrataforam infectados com miracídios obtidos de ovos de Schistosoma mansoni, encontrados em fezes de indivíduos de 7 a 18 anos, da região de Lagoa da Pampulha, Belo Horizonte, MG. Os pacientes de fase aguda se infectaram em uma primeira visita ao foco. Os da fase crônica eram moradores próximos aos focos. Para cada caso clínico, isolou-se a respectiva amostra do parasita. Foram infectados pela cauda 55 camundongos fêmeas com 70 ± 10 cercárias. Cortes histológicos de fígados, corados por HE, tricrômico de Gomori, impregnação metálica pela prata, e PAS foram observados à microscopia óptica. Não houve diferenças estatísticas em relação às médias das mensurações dos diâmetros dos granulomas referentes às amostras e datas de sacrifícios. Os granulomas apresentaram fase exsudativa do tipo Ha (reação de inflamação mista e IIIa (granuloma com células epitelióides. Com amostras de pacientes em fase aguda o padrão predominante foi a Ha na 7ª semana. Na 10.ª semana predominaram granulomas do tipo IIIa. Nas amostras de pacientes em fase crônica, verificou-se uma mescla de granulomas do tipo Ha e IIIa na 7ª semana. Na 10ª semana predominou o tipo IIIa. Alguns aspectos histopatológicos de fígados foram descritos e comparados com aqueles existentes na literatura.

  19. Daño pulmonar agudo relacionado con la transfusión (Trali y Bartonelosis aguda

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Douglas López de Guimaraes

    2006-07-01

    Full Text Available Se presenta el caso de un varón de 22 años procedente de la periferia de la ciudad de Huaraz, Perú, que acude al Hospital "Victor Ramos Guardia" de Huaraz con un tiempo de enfermedad de 14 días, febril, pálido e ictérico, en el frotis de sangre periférica se encuentran formas bacilares de Bartonella bacilliformis en 99% de la lámina; se inicia tratamiento antibiótico con ceftriaxona y ciprofloxacino. Al día siguiente se le indica transfusión de dos paquetes globulares (puesto que tenía 6,2 g/dL de Hb, dos horas después presenta dolor toráxico, tos seca exigente, vómitos, dificultad respiratoria y cianosis, en la auscultación se encuentran roncantes y crepitantes, la radiografía de tórax muestra infiltrado alveolar difuso a predominio derecho. Es trasladado a la UCI donde recibe oxígeno con máscara de reservorio, dopamina, corticoides y se inicia el monitoreo hemodinámico; responde en forma satisfactoria, sale de alta con frotis negativo a Bartonella bacilliformis. Es el primer caso de daño pulmonar agudo relacionado con la transfusión (TRALI asociado con Bartonelosis aguda con cuadro clínico - radiológico y evolución compatible, es importante distinguir entre la complicación pulmonar debido a la sepsis grave por Bartonelosis aguda, que puede producir un cuadro clínico similar y el TRALI.

  20. Asma aguda em adultos na sala de emergência: o manejo clínico na primeira hora

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    DALCIN PAULO DE TARSO ROTH

    2000-01-01

    Full Text Available Asma é doença com alta prevalência em nosso meio e ao redor do mundo. Embora novas opções terapêuticas tenham sido recentemente desenvolvidas, parece haver aumento mundial na sua morbidade e mortalidade. Em muitas instituições, as exacerbações asmáticas ainda constituem emergência médica muito comum. As evidências têm demonstrado que a primeira hora no manejo da asma aguda na sala de emergência concentra decisões cruciais que podem determinar o desfecho desta situação clínica. Nesta revisão não-sistemática, os autores enfocaram a primeira hora da avaliação e tratamento do paciente com asma aguda na sala de emergência, descrevendo uma estratégia apropriada para o seu manejo. São consideradas as seguintes etapas: diagnóstico, avaliação da gravidade, tratamento farmacológico, avaliação das complicações e decisão sobre onde se realizará o tratamento adicional. Espera-se que estas recomendações contribuam para que o médico clínico tome a decisão apropriada na primeira hora do manejo da asma aguda.

  1. Coréia aguda na gravidez

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Walter C. Pereira

    1967-12-01

    Full Text Available São apresentados doze casos de coréia aguda observados entre 150.000 gestantes (1/12.500. A maioria dos surtos ocorreu no segundo trimestre da primeira gravidez. A duração média dos sintomas foi de três meses, não tendo sido registrado caso algum de óbito materno. Todos os partos foram espontâneos e normais. Houve apenas um óbito fetal conseqüente a choque hemorrágico. São tecidas considerações a propósito dos aspectos clínico, laboratorial e prognóstico da coréia gravídica, sendo focalizado mais pormenorizadamente o problema fisiopatogênico dessa afecção.

  2. Enxerto venoso intercoronariano na revascularização de artéria coronária comprometida por dissecção de aorta tipo I Intercoronary venous graft in revascularization of the coronary artery involved by aortic dissection type I

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Carlos Alberto C Abreu Filho

    1995-03-01

    Full Text Available Paciente de 39 anos, portador de hipertensão arterial não controlada, submetido a cirurgia para tratamento de dissecção aguda de aorta tipo I. Devido ao grande envolvimento do óstio coronário direito pela dissecção aórtica, optou-se pela ressecção da porção comprometida do vaso, com interposição de tubo não valvulado de Dacron na aorta ascendente, suspensão da valva aórtica e ligadura do óstio da artéria coronária direita. Como não havia presença de aterosclerose no ramo interventricular anterior e na artéria coronária direita, decidimos realizar um enxerto venoso entre as artérias. O enxerto intercoronário apresentou bom funcionamento e todo o território dependente da coronária direita manteve boa contratilidade. O paciente recebeu alta hospitalar em boas condições clínicas, com função rniocárdica preservada.A thirty nine-year-old patient presenting arterial hypertension was operated upon for type I acute aortic dissection. Due to important alterations in the ascendent aorta with involvement of the right coronary ostium, the surgical procedure included resection of the segment of aorta containing the intimal tear and replacement with a Dacron prosthesis, suspension of the aortic valve and ligadure of the right coronary ostium. Technical difficulties brought the necessity of a different approach for the myocardium revascularization. Instead of the traditional described procedures, an intercoronary venous graft was put between the anterior interventricular artery (branch of the left coronary artery and the right coronary artery. The intercoronary graft presented a good flow since the begining, keeping a good myocardial contratility. Patient left the hospital in a good clinical condition, with preserved myocardial function. Intercoronary graft should be an efficient alternative for revascularization of a corohary artery involved by aortic dissections.

  3. Tratamento da necrose aguda de retina: revisão sistemática Treatment of acute retinal necrosis: systematic review

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Moysés Eduardo Zajdenweber

    2005-08-01

    Full Text Available OBJETIVO: O objetivo deste estudo foi pela realização de revisão sistemática, determinar o melhor tratamento para a necrose aguda de retina. MÉTODOS: Seguindo a orientação metodológica da Colaboração Cochrane e de seu subgrupo editorial "Eye and Vision Group", o autor, por meio de mecanismos de busca, selecionou trabalhos sobre o tratamento da necrose aguda de retina. RESULTADO: Foram selecionadas 146 referências bibliográficas, sendo considerados como relevantes 13 estudos. Destes estudos 2 foram considerados como preenchendo os critérios de inclusão. O primeiro estudo aponta a possibilidade de o tratamento para necrose aguda de retina, com aciclovir endovenoso associado a corticóide sistêmico, proteger o olho contralateral de acometimento. Foram estudados 54 pacientes, 31 tratados e 23 não tratados, sendo observada incidência de doença no olho contralateral de 12,9% no grupo tratado e de 69,5% no grupo não tratado. O segundo estudo incluído mostra 19 olhos acometidos com necrose aguda de retina, sendo que 12 destes olhos foram submetidos à fotocoagulação com laser de argônio, com o objetivo de prevenir o descolamento de retina. Dos 12 olhos, 2 desenvolveram descolamento de retina (16,6% ao passo que, no grupo não tratado, composto por 7 olhos, 4 desenvolveram descolamento de retina (57,1%. CONCLUSÃO: O autor conclui que os dois tipos de intervenção propostos se mostraram eficazes, porém, como os estudos são metodologicamente fracos, torna-se necessária a realização de estudos clínicos randomizados para que se possa estabelecer o melhor tratamento para a necrose aguda de retina.PURPOSE: The purpose of this study was to identify, according to an sistematic review, the best treatment for acute retinal necrosis. METHODS: Following the methodologic guidance of the Cochrane Collaboration and its editorial subgroup "Eye and Vision Group", using search strategy for study identification, articles about the treatment

  4. Dor aguda no joelho do paciente idoso Acute knee pain in elderly patients

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Gilberto Luís Camanho

    2008-09-01

    Full Text Available A dor aguda no joelho de pacientes idosos é freqüente, sendo caracterizada por seu aparecimento súbito, sem causa aparente, com exame radiográfico dentro dos padrões da normalidade, na maioria dos casos. A etiologia da dor aguda no joelho é decorrente de insuficiência das estruturas, e seu quadro clínico difere completamente daquele determinado pela osteoartrose, sendo sempre unilateral e ocorre na grande maioria em pacientes do sexo feminino, após a quinta década de vida, e na região medial do joelho (local de maior carga. Com o propósito de analisar as possíveis etiologias para a dor aguda do joelho de pacientes acima de 60 anos de idade, suas características e tratamento, os autores discutem as etiologias relacionadas à dor aguda: lesão meniscal, fratura por fadiga e osteonecrose idiopática.Acute knee pain in elderly patients is not uncommon, and is characterized by a sudden onset, no apparent cause, and by normal radiographic findings in most cases. The etiology of acute knee pain is the result of insufficient structures, and clinical symptoms are totally different from the symptoms seen in osteoarthrosis. This acute pain in the knee is always unilateral and in the medial region of the knee joint (site with the heaviest load, predominantly in females after the fifth decade of live. In order to consider the possible etiologies for acute knee joint pain in patients older than 60 years, its characteristics and treatment, the authors discuss etiologies related to acute pain: lesion of the meniscus, stress fracture, and idiopathic osteonecrosis.

  5. Pneumonia aguda fibrinosa e organizante

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cláudia Santos

    2010-07-01

    Full Text Available Resumo: O padrão histológico de Pneumonia Aguda Fibrinosa e Organizante (AFOP – Acute Fibrinous And Organizing Pneumonia, descrito por Beasley em 2002, caracteriza-se pela existência de fibrina intra-alveolar sob a forma de bolas de fibrina e pneumonia organizativa difusa. A apresentação clínica desta doença intersticial pulmonar pode ser aguda ou subaguda, diferindo no entanto dos outros padrões histológicos habitualmente associados a lesão pulmonar aguda – Lesão Alveolar Difusa (DAD, Pneumonia Organizativa (OP e Pneumonia Eosinofílica (EP.A propósito deste tema, os autores fazem uma revisão da literatura e descrevem o caso clínico de um doente de 44 anos, com aspectos imagiológicos e evolução pouco habituais. Abstract: The histologic pattern of Acute Fibrinous and Organizing Pneumonia (AFOP, described by Beasley in 2002, is characterized by the existence of intra alveolar fibrin in the form of fibrin “balls” and diffuse organizing pneumonia. Presenting symptoms of this interstitial pulmonary disease can be acute or subacute. However, it differs from the well-recognized histologic patterns of acute pulmonary lesion – Diffuse Alveolar Damage (DAD, Organizing Pneumonia (OP and Eosinophilic Pneumonia (EP.The authors carry out a review of the literature concerning this topic and describe the clinical case of a 44-year-old patient with unusual imaging features and outcome. Palavras-chave: AFOP, bolas de fibrina, pneumonia organizativa, Key-word: AFOP, fibrin balls, organizing pneumonia

  6. Uso de terapias não convencionais no manejo da crise aguda de asma refratária Non-conventional therapies to manage refractory acute asthma attack

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    RAQUEL HERMES ROSA OLIVEIRA

    2002-09-01

    Full Text Available Uma paciente em crise aguda de asma, refratária ao uso de beta2-agonista inalatório e intravenoso, aminofilina intravenosa e corticóide, em ventilação mecânica, foi tratada com métodos terapêuticos não convencionais: broncoscopia, lavado broncoalveolar com N-acetilcisteína e ventilação com halotano. Houve melhora dos parâmetros ventilatórios após o lavado e a resolução do broncoespasmo ocorreu após a anestesia, propiciando a extubação e alta da UTI. É feita uma revisão da literatura sobre o uso desses métodos na crise aguda de asma.A patient with an acute asthma attack refractory to inhaled and intravenous beta2-agonist, aminophylline and corticosteroids was submitted to mechanical ventilation and treated with non-conventional therapies: bronchoscopy with bronchoalveolar lavage using N-acetylcysteine and halothane inhalation. The ventilatory parameters improved after lavage, however, bronchospasm resolution occurred only after anesthesia which was followed by extubation and discharge from the ICU. A review of the use of these non-conventional therapeutic modalities for the management of acute asthma attack is presented.

  7. Correção endovascular do aneurisma da aorta abdominal: análise dos resultados de único centro

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Eduardo Rafael Novero

    2012-02-01

    Full Text Available OBJETIVO: Avaliar os resultados clínicos imediatos e em médio prazo do tratamento endovascular em pacientes portadores de aneurisma da aorta abdominal em um centro de referência para doenças cardiovasculares. MATERIAIS E MÉTODOS: Estudo retrospectivo de uma série de pacientes submetidos a tratamento endovascular de aneurisma da aorta abdominal, no período de janeiro de 2009 a julho de 2010. Foram avaliados as características demográficas, o sucesso técnico, o sucesso terapêutico, a morbimortalidade, as complicações e a taxa de reintervenções perioperatórias imediatos, e após um ano de acompanhamento. RESULTADOS: Foram analisados 102 pacientes consecutivos com idade média de 72 ± 9 anos, sendo 79% deles do sexo masculino. Houve sucesso técnico em 97,1% e êxito terapêutico em 81% dos casos. A mortalidade perioperatória foi de 0,9% e a anual, de 7,8%. Foram necessárias reintervenções em 18,8% dos pacientes durante o seguimento. CONCLUSÃO: Em nosso estudo, os resultados obtidos justificam a realização desse procedimento nos pacientes com anatomia adequada.

  8. Aortic root reconstruction through valve-sparing operation: critical analysis of 11 years of follow-up Análise crítica da reconstrução da raiz da aorta com a preservação da valva aórtica: 11 anos de seguimento

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ricardo Ribeiro Dias

    2010-03-01

    Full Text Available INTRODUCTION: The composite mechanical valve conduit replacement is the standardized operation for aneurysms of the aortic root. The objective of this study is to evaluate the long-term surgical results of aortic valve-preserving procedures to the root reconstruction. METHODS: From 1996 to 2008, 54 consecutive patients underwent two different techniques of valve-sparing aortic root operation (40 Yacoub operations and 14 David operations. Mean age was 48 ± 14 years (range 17 to 74. 36 patients (66.7% were male and 16 (29.6% experienced Marfan's syndrome. The mean Euroscore was 4 ± 1.25. The mean follow up time was 4.1 years (from 49 days to 10.9 years. Clinical and echocardiographic parameters were analysed. T-Student paired test, the McNemar Non Parametric test and the Kaplan-Meyer Outcome Curves have been used. RESULTS: The hospital mortality was 5.6% and the average hospitalization time was 9±4 days. One non related late death (2% was reported. The actuarial survival and freedom from reoperation were respectively 94.4% and 96% within 11 years of follow-up. There were benefits in reduction of functional class (P=0.002; 78% CF I, in reduction of aortic regurgitation (PINTRODUÇÃO: A utilização do tubo valvulado é a operação clássica para a reconstrução da raiz da aorta. O objetivo deste trabalho é avaliar a reconstrução da aorta ascendente com a preservação da valva aórtica. MÉTODOS: Entre 1996 e 2008, 54 pacientes consecutivos (66,7% do sexo masculino, com idade média de 48 ± 14 anos, foram submetidos à reconstrução da aorta ascendente e preservação da valva aórtica (40 remodelamentos e 14 reimplantes. O Euroscore médio foi de 4 ± 1,25 e 29,6% eram portadores de síndrome de Marfan. O tempo médio de seguimento foi de 4,1 anos (49 dias até 10,9 anos. Foram avaliados por parâmetros clínicos e ecocardiográficos. Para a análise dos dados foram utilizados os testes t de Student pareado, o não-paramétrico de Mc

  9. Uso de terapias não convencionais no manejo da crise aguda de asma refratária Non-conventional therapies to manage refractory acute asthma attack

    OpenAIRE

    RAQUEL HERMES ROSA OLIVEIRA; ALEXANDRE DE OLIVEIRA RIBEIRO; GUSTAVO ADOLPHO JUNQUEIRA AMARANTE; MIGUEL LIA TEDDE

    2002-01-01

    Uma paciente em crise aguda de asma, refratária ao uso de beta2-agonista inalatório e intravenoso, aminofilina intravenosa e corticóide, em ventilação mecânica, foi tratada com métodos terapêuticos não convencionais: broncoscopia, lavado broncoalveolar com N-acetilcisteína e ventilação com halotano. Houve melhora dos parâmetros ventilatórios após o lavado e a resolução do broncoespasmo ocorreu após a anestesia, propiciando a extubação e alta da UTI. É feita uma revisão da literatura sobre o u...

  10. Avaliação da toxicidade aguda do extrato aquoso do pó do mesocarpo de Orbignya phalerata Mart (babaçu)

    OpenAIRE

    dos Santos e Silva, Ana Paula; de Sousa, Geane Felix; Mendes de Freitas, Rivelilson; Cunha Nunes, Lívio César

    2012-01-01

    Objetivos: os efeitos da administração aguda oral do extrato aquoso do pó obtido do mesocarpo de Orbignya phalerata Mart foram investigados sobre parâmetros bioquímicos e hematológicos em camundongos Swiss machos. Métodos: os animais (n= 5-7/grupo) foram tratados por via oral com as doses de 1, 2 e 3 g/kg de peso corporal, observados durante 24 h e em seguida foi feita a coleta do sangue para avaliação dos parâmetros bioquímicos e hematológicos. Resultados: o tratamento com extrato aquoso do ...

  11. Estudo da incidência de coledocolitíase em pacientes com colecistite calculosa aguda e crônica submetidos à colecistectomia vídeolaparoscópica

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Sidney Moreno Gil

    Full Text Available OBJETIVO: Avaliar a incidência da coledocolitiase em pacientes submetidos à colecistectomia laparoscópica, portadores de colecistopatia calculosa aguda e crônica. O presente estudo, também, analisa se a era laparoscópica modificou a incidência e a história natural da litíase da via biliar quando compara os dados da literatura com os índices do Grupo estudado. MÉTODO: O estudo foi realizado em um Grupo de 946 pacientes, distribuídos em Grupo A de 214 pacientes de 1991-1995 e Grupo B de 732 pacientes de 1999-2007 colecistectomizados pelo método laparoscópico. O critério diagnóstico de coledocolitíase foi estabelecido por colangiofluoroscopia de rotina em todas as operações. RESULTADOS: A incidência total de coledocolitiase no Grupo A de 9,8% e no B de 5,8% não mostram diferença estatística significativa entre si e com a literatura mundial (p=0,08.Nos pacientes operados por colecistite aguda também não se observou diferença estatística entre o grupo A e B na incidência de litíase da via biliar( p=0,8. A análise dos dados nos pacientes operados por colecistite crônica revela uma taxa de coledocolitíase menor no Grupo B de 3,7% com significância estatística do que no A de 8,4% p=0,03. CONCLUSÃO: O presente estudo revela uma diminuição expressiva na incidência de coledocolitiase no Grupo B em relação ao A e a literatura mundial quando a indicação cirúrgica ocorre na fase não complicada da doença litiásica biliar. O estudo também demonstra um aumento significativo na indicação da colecistectomia laparoscópica eletiva mais precoce no Grupo B como já observado em diversas publicações da literatura médica.

  12. Sertralina e pancreatite aguda: relato de caso Sertraline and acute pancreatitis: a case-report

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    André Malbergier

    2004-03-01

    Full Text Available A pancreatite aguda é uma patologia grave e com considerável morbidade e mortalidade. Vários fatores são apontados como possíveis causas de pancreatite aguda. Neste relato, será apresentado um caso de pancreatite aguda com possível associação causal com um inibidor seletivo de recaptura de serotonina: sertralina. Após um mês de tratamento com sertralina, uma paciente do sexo feminino, 55 anos, desenvolveu forte dor abdominal e elevação da amilase sérica. Após internação e retirada da sertralina, seus sintomas remitiram e os níveis de amilase voltaram ao normal. Pela potencial gravidade do quadro e pelo amplo uso desta medicação, tal associação deve ser lembrada em investigações de casos de pancreatite aguda.Acute pancreatitis is a severe disease with considerable morbidity and mortality. Many risk factors are causally related to acute pancreatitis. In this report, a case of acute pancreatitis with possible causal relationship with the use of a selective serotonin reuptake inhibitor, sertraline, will be discussed. After one month of treatment with sertraline, a female patient, 55 years-old, developed a severe abdominal pain and showed a serum amylase elevation. She was admitted to the hospital and the use of sertraline was interrupted. After that, the symptoms remitted and the serum amylase level returned to normal. Because of the potential severity of this disease and the widespread use of sertraline, this association should be reminded when investigating possible causes for acute pancreatitis.

  13. Comparação do corticoide inalatório e oral no tratamento da disfonia aguda Use of inhaled versus oral steroids for acute dysphonia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Andréa Moreira Veiga de Souza

    2013-04-01

    Full Text Available A disfonia aguda é um quadro comum na prática clínica. Seu tratamento, principalmente em adultos, não é bem definido na literatura. O corticoide é o tratamento medicamentoso mais recomendado. Os estudos existentes, entretanto, não são suficientes para a determinação da superioridade entre diferentes corticoides e a melhor forma de administração. OBJETIVO: Este estudo clínico prospectivo teve como objetivo comparar o efeito do corticoide inalatório na forma de pó seco com o efeito do corticoide oral, no tratamento da disfonia aguda. MÉTODO: Foram avaliados 32 pacientes adultos, divididos em dois grupos de 16 pacientes para cada um dos tratamentos, antes e após sete dias do uso da medicação. Os pacientes foram submetidos à videolaringosocpia e avaliação perceptiva e acústica da voz. RESULTADOS: O tratamento inalatório e oral reduziram significativamente a hiperemia, o edema e melhorou o movimento muco-ondulatório; entretanto, a redução do edema foi estatisticamente mais significativa (p = 0,012 nos pacientes tratados com a forma inalatória. A comparação dos valores da análise perceptiva auditiva e das medidas acústicas após tratamento entre os grupos, entretanto, não apresentou significância estatística. CONCLUSÃO: Houve melhora significativa da laringite aguda nas avaliações realizadas, em todos os pacientes estudados, com os dois tratamentos. O tratamento com corticoide inalatório foi significativamente mais efetivo na redução do edema.Acute dysphonia is a frequent condition in clinical practice. Its treatment, especially in adults, is not well established in the literature. Steroids are the most recommended drug treatment. However, the existing studies are not enough to establish superiority among the different steroids and the best route of administration. OBJECTIVE: This prospective clinical study aimed at comparing the effect of inhaling steroids as a dry powder with the effect of oral steroids to

  14. Diagnósticos de enfermagem em adultos com leucemia mielóide aguda

    OpenAIRE

    Souza, Luccas Melo de; Gorini, Maria Isabel Pinto Coelho

    2006-01-01

    Trata-se de um estudo de casos, que objetivou identificar os Diagnósticos de Enfermagem (DE) de pacientes adultos com Leucemia Mielóide Aguda, a fim de fornecer subsídios à Sistematização da Assistência de Enfermagem. Utilizaram-se as técnicas de entrevista e observação, além da aplicação do Processo de Enfermagem. Durantes os três meses da coleta de dados, outros DEs foram encontrados através de novas buscas nos prontuários dos 6 pacientes. Os 32 DEs encontrados foram agrupados conforme a Te...

  15. Respostas cardiovasculares agudas em ambiente virtualmente simulado pelo Nintendo Wii

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Renato Aparecido de Souza

    2013-01-01

    Full Text Available DOI: http://dx.doi.org/10.5007/1980-0037.2013v15n1p60 Recentemente, tem sido verificada a utilização do Nintendo Wii no contexto da saúde. O objetivo do presente estudo foi analisar as respostas cardiovasculares agudas monitoradas por meio do comportamento da frequência cardíaca, pressão arterial sistólica, pressão arterial diastólica e duplo produto, em ambiente virtualmente simulado pelo console Nintendo Wii. A amostra foi composta por 18 universitários saudáveis, com média de idade de 22,07 ± 1,34 anos. As variáveis foram observadas com uso de deltas (valor final - inicial após 25 arremessos de basquetebol em duas situações experimentais: (I com o voluntário sentado e, (II com o voluntário saltando verticalmente. Os resultados sugerem que a prática de atividade física em ambiente virtual emulado pelo Nintendo Wii é capaz de alterar as respostas cardiovasculares agudas, especialmente, quando realizada em associação a saltos verticais. Assim, os resultados sustentam a viabilidade do uso do Nintendo Wii em programas de treinamento e favorecem sua indicação de forma mais segura.

  16. Tratamento endovascular de ruptura traumática da aorta torácica descendente Endovascular treatment of traumatic descending thoracic aortic rupture

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    João Roberto Breda

    2007-06-01

    Full Text Available Paciente do sexo feminino, 55 anos de idade, vítima de atropelamento, foi admitida em unidade de emergência, onde se realizou o diagnóstico clínico, radiológico e tomográfico de ruptura traumática da aorta torácica descendente. Diante do achado, a paciente foi encaminhada para tratamento endovascular com colocação de endoprótese auto-expansível (stent pela artéria femoral. O tratamento obteve sucesso, evidenciado pela exclusão da lesão localizada previamente no istmo aórtico. O tratamento endovascular tem sido indicado nas afecções de aorta torácica descendente com bons resultados iniciais. Na ruptura traumática de aorta, a terapêutica endovascular representa uma alternativa aceitável, especialmente devido aos riscos do tratamento operatório convencional.A 55-year-old, female patient who was run over by a motor vehicle was admitted at an emergency room. Clinical, radiological and tomographic diagnosis of traumatic descending aortic thoracic rupture was performed. The patient was referred for endovascular treatment with placement of a self-expandable stent through the femoral artery. Treatment was successful, with exclusion of the lesion previously located in the aortic isthmus. Endovascular treatment has been indicated in the treatment of descending thoracic aortic diseases, with good initial results. In case of traumatic aortic rupture, endovascular treatment is a feasible alternative, especially due to risks offered by the conventional surgical treatment.

  17. Tratamento farmacológico e interações medicamentosas em pacientes com aneurisma da aorta abdominal

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Heverton Alves Peres

    2015-01-01

    Full Text Available O aneurisma da aorta abdominal (AAA ocorre quando há uma dilatação anormal e irreversível da artéria superior a 50% do calibre esperado para o vaso e associa-se a uma mortalidade de 80 a 90%. O controle dos principais fatores de risco como a hipertensão, dislipidemia, tabagismo e doenças trombóticas em aneurismas pequenos é feito por vários medicamentos que evitam o desenvolvimento e ruptura do aneurisma, no entanto, o uso destes associados a outros medicamentos pode desencadear interações medicamentosas relevantes sendo crucial o conhecimento sobre estas. Atualmente, há poucos dados na literatura sobre o tratamento farmacológico e interações medicamentosas em pacientes com AAA, sendo o objetivo desta revisão, descrever a farmacoterapia e interações medicamentosas em pacientes com AAA.

  18. Reoperação da valva mitral minimamente invasiva sem pinçamento da aorta

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rodrigo Milani

    2013-09-01

    Full Text Available INTRODUÇÃO: Reoperações da valva mitral apresentam maior índice de complicações quando comparadas com a primeira cirurgia. Com o domínio das técnicas videoassistidas para as primeiras cirurgias da valva mitral, os casos de reoperações passaram a despertar interesse para esses procedimentos menos invasivos. OBJETIVO: Analisar os resultados e as dificuldades técnicas da retroca valvar mitral minimamente invasiva em 10 pacientes. MÉTODO: A circulação extracorpórea foi instalada por meio de colocação de cânulas femorais e cânula na veia jugular interna direita, conduzida em 28 graus de temperatura em fibrilação ventricular. Realizada toracotomia lateral direita com 5 a 6 cm no terceiro ou quarto espaço intercostal. Pericárdio foi descolado apenas na região do átrio esquerdo no ponto da atriotomia. A aorta não foi pinçada. RESULTADOS: Foram avaliados 10 pacientes com idade média de 56,9±10,5 anos. Quatro encontravam-se em ritmo de fibrilação atrial e 6 em ritmo sinusal. O tempo médio entre a primeira operação e a reoperações foi de 11 ± 3,43 anos. O EuroSCORE médio do grupo foi de 8,3 ± 1,82. O tempo médio de fibrilação ventricular e de circulação extracorpórea foi respectivamente 70,9 ± 17,66 min e 109,4 ± 25,37 min. O tempo médio de internamento foi de 7,6 ± 1,5 dias. Não houve óbitos nessa série. CONCLUSÃO: A reoperação da valva mitral pode ser feita por meio de técnicas menos invasivas com bons resultados imediatos e baixa morbimortalidade. Entretanto, esse tipo de cirurgia requer maior tempo de circulação extracorpórea, especialmente nos casos em que o paciente já tenha uma prótese. A presença de uma mínima insuficiência aórtica também torna esse procedimento tecnicamente mais desafiador.

  19. Pneumonia por varicela associada com síndrome da angústia respiratória aguda: relato de dois casos Varicella pneumonia complicated with acute respiratory distress syndrome: two cases report

    OpenAIRE

    Marcelo Moreno; Ricardo Castelão; Susana Orrico Peres; Suzana Margareth Lobo

    2007-01-01

    JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: A varicela é uma doença exantemática causada pela infecção primária do vírus varicela zoster (VVZ). A pneumonia pelo VVZ complicada com a síndrome da angústia respiratória aguda (SARA) é rara e associa-se a altas taxas de morbimortalidade. O objetivo deste estudo foi apresentar dois casos de pneumonia por varicela que evoluíram com SARA e outras disfunções orgânicas. RELATO DOS CASOS: Paciente de 15 anos, imunocomprometido com a síndrome da imunodeficiência adquirid...

  20. Proteína C reactiva e gravidade da bronquiolite aguda

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    S. Costa

    2009-01-01

    Full Text Available Resumo: O diagnóstico de bronquiolite aguda é essencialmente clínico. A utilidade de exames laboratoriais, em particular do doseamento da proteína C reactiva (PCR, não está bem estabelecida.O objectivo deste trabalho foi avaliar a relação entre o valor da PCR e os marcadores indirectos de gravidade em doentes com diagnóstico de bronquiolite.Foram incluídos no estudo todos os doentes admitidos no Serviço de Pediatria do HSJ durante o ano de 2006 e que tiveram como diagnóstico principal bronquiolite, tendo sido feita uma revisão retrospectiva do processo clínico desses doentes.Foram incluídos 176 doentes com idades compreendidas entre zero e 36 meses (mediana de 4 meses; 63,1% eram do sexo masculino. O doseamento da PCR tinha sido efectuado em 94,3% dos doentes, com valores compreendidos entre zero e 256 mg/L e com mediana de 11 mg/L.O valor da PCR, na população estudada, apresentou uma relação estatisticamente significativa com a admissão em unidade de cuidados intensivos (UCI (p=0,008, a duração do internamento hospitalar (p=0,025 e a necessidade de oxigenoterapia (p=0,022.Desta forma, este trabalho coloca a hipótese de o valor de PCR poder ser um marcador de gravidade e ter significado prognóstico em doentes com bronquiolite. Mais estudos são necessários para validar estes resultados e esclarecer se existe uma relação real entre as variáveis estudadas ou se esta é produzida pelo efeito confundidor de outras infecções.Rev Port Pneumol 2009; XV (1: 55-65 Abstract: A diagnosis of bronchiolitis is made clinically and the use of supportive laboratory examinations, including the quantification of C reactive protein (CRP, is not well established.The aim of this study was to evaluate the correlation between CRP value and indirect markers of disease severity in patients with bronchiolitis.This study included the patients diagnosed with bronchiolitis admitted to the Pediatrics Department of S. João Hospital in 2006. A

  1. Insuficiencia renal aguda inducida por mordedura de serpiente Bothrops

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Gustavo A. Aroca Martínez

    2014-01-01

    Full Text Available Mujer de 58 años de edad, remitida a urgencias por presentar cuadro clínico de insuficiencia renal aguda (IRA secundaria a mordedura de serpiente (Bothrops Atrox. Ingresa hipotensa con elevación de azoados e hiperkalemia, ecografía renal dentro de parámetros normales. Se maneja terapia dialítica con lo cual presenta mejoría clínica. En este reporte se detallan aspectos del diagnóstico, manejo clínico y posibles mecanismos fisiopatológicos que explican el daño renal.

  2. Avaliação do antígeno SAG2a recombinante de Toxoplasma gondii como um potencial marcador diagnóstico para Toxoplasmose humana aguda

    OpenAIRE

    Béla, Samantha Ribeiro

    2007-01-01

    Proteínas recombinantes têm sido utilizadas para o diagnóstico sorológico da infecção por Toxoplasma gondii para diferenciar entre as fases aguda e crônica da toxoplasmose. Neste estudo, foi avaliada a reatividade de anticorpos IgG e IgG1 através de imunoensaios em soros de pacientes com toxoplasmose aguda e crônica dirigidos contra dois antígenos recombinantes clonados e expressos em E. coli, SAG2A (molécula recombinante total) e SAG2A(DELTA) (molécula recombinante deletada do...

  3. Proposta para padronização do relatório de tomografia computadorizada nos aneurismas da aorta abdominal A proposal for standardizing computed tomography reports on abdominal aortic aneurysms

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fabiola Goda Torlai

    2006-08-01

    Full Text Available OBJETIVO: Propor um modelo de padronização de relatório para aneurisma da aorta abdominal na tomografia computadorizada. MATERIAIS E MÉTODOS: Foram realizadas, no período de abril a outubro de 2004, entrevistas com integrantes da Disciplina de Cirurgia Vascular da nossa instituição, para elaboração de um modelo de padronização de relatório de tomografia computadorizada para o estudo do aneurisma da aorta abdominal. A partir deste modelo foi elaborado um questionário, enviado a nove outros cirurgiões, todos com experiência em cirurgia da aorta abdominal. O índice de resposta aos questionários foi de 55,5% (5/9. RESULTADOS: Os parâmetros de interesse citados mais freqüentemente para a avaliação dos aneurismas de aorta abdominal foram: diâmetro máximo do colo proximal, extensão do colo proximal até a artéria renal mais baixa, forma do colo proximal, diâmetro máximo do aneurisma e diâmetro das artérias ilíacas comuns. Estes dados permitiram elaborar uma proposta de modelo para padronização de relatório na tomografia computadorizada. CONCLUSÃO: Um modelo para a análise tomográfica padronizada do aneurisma de aorta abdominal permite atender às necessidades dos cirurgiões vasculares para acompanhar a evolução e planejar o tratamento destes pacientes.OBJECTIVE: To propose a model to standardize computed tomography reports on abdominal aortic aneurysms. MATERIALS AND METHODS: Interviews were carried out with members of Vascular Surgery Division of our institution, in the period between April and October 2004, aiming at developing a standardized model of computed tomography reports on abdominal aortic aneurysms. Based on this model, a questionnaire was elaborated and sent to other nine surgeons, all of them experienced in the field of abdominal aortic surgery. The questionnaires response rate was 55.5% (5/9. RESULTS: The most frequently mentioned parameters of interest for evaluation of abdominal aortic aneurysms

  4. Análise do tratamento cirúrgico da raiz da aorta com o tubo valvulado e com a preservação da valva aórtica Analysis of aortic root surgery with composite mechanical aortic valve conduit and valve-sparing reconstruction

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ricardo Ribeiro Dias

    2010-12-01

    Full Text Available OBJETIVO: Análise comparativa dos resultados imediatos e tardios da reconstrução da raiz da aorta com o tubo valvulado e com a preservação da valva aórtica. MÉTODOS: No período de novembro de 2002 a setembro de 2009, 164 pacientes com idade média de 54 ± 15 anos, sendo 115 do sexo masculino, foram submetidos ao tratamento cirúrgico da raiz da aorta. Foram 125 tubos valvulados e 39 reconstruções da raiz da aorta com preservação da valva aórtica. Dezesseis por cento dos pacientes eram portadores de síndrome de Marfan e 4,3% apresentavam valva aórtica bivalvulada. Cento e quarenta e quatro (88% pacientes foram acompanhados durante tempo médio de seguimento de 41,1 ± 20,8 meses. RESULTADOS: A mortalidade hospitalar total foi de 4,9%; sendo 5,6% nas operações com tubo valvulado e 2,6% nas preservações da valva aórtica (POBJECTIVE: Comparative analysis of early and late results of aortic root reconstruction with aortic valve sparing operations and the composite mechanical valve conduit replacement. METHODS: From November 2002 to September 2009, 164 consecutive patients with mean age 54 ± 15 years, 115 male, underwent the aortic root reconstruction (125 mechanical valve conduit replacements and 39 valve sparing operations. Sixteen percent of patients had Marfan syndrome and 4.3% had bicuspid aortic valve. One hundred and forty-four patients (88% were followed for a mean period of 41.1 ± 20.8 months. RESULTS: The hospital mortality was 4.9%, 5.6% in operations with valved conduits and 2.6% in the valve sparing procedures (P <0.05. There was no difference neither in survival (95% CI = 86% - 96%, P= 0.1 nor in reoperation-free survival (95% CI = 85% - 90%, P = 0.29. The survival free of complications such as bleeding, thromboembolism and endocarditis were favorable to the valve sparing operations, respectively (95% CI = 70% - 95%, P = 0.001, (95% CI = 82% - 95% P = 0.03 and (95% CI = 81% - 95%, P = 0.03. Multivariate analysis

  5. Notas sobre apendicitis aguda

    OpenAIRE

    Méndez S., Martín

    2011-01-01

    Hacer un buen diagnóstico, tener el valor de la responsabilidad operando precozmente los enfermos, en los cuales después de minucioso examen se cree o se tiene certeza de una apendicitis aguda, es uno de los méritos de todo buen cirujano. Sin duda tendrá que luchar contra todo, la familia, el enfermo y los allegados; pero si triunfa y vence logrará éxitos y salvará vidas. Parece fácil diagnosticar unaapendicitis aguda y sin embargo, es necesario decirlo claro, nada hay tan complicado y en oca...

  6. Leucemia congénita aguda

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Nilvia Esther González García

    2011-06-01

    Full Text Available La leucemia aguda durante el período neonatal es poco frecuente de evolución rápida y pronóstico sombrío. Sus características clínicas y biológicas difieren de las encontradas en niños de mayor edad, y su inicio se caracteriza por afectación cutánea, hepatoesplenomegalia, hiperleucocitosis e infiltración del sistema nervioso central. Se han observado pacientes con formas tanto mieloides como linfoides, pero la leucemia mieloide aguda parece predominar en esta etapa de la vida. Se presenta el caso de un paciente con leucemia congénita clasificada morfológicamente, con aparición de manifestaciones clínicas de enfermedad hematológica desde el nacimiento y diagnóstico de leucemia linfoblástica aguda congénita.

  7. Influência da criação de um serviço de tratamento da dor aguda nos custos e no consumo de drogas analgésicas na sala de recuperação pós-anestésica Influencia de la creación de un servicio de tratamiento del dolor agudo en los costos y en el consumo de drogas analgésicas en la sala de recuperación pos-anestésica Influence of acute pain management service on analgesic drugs cost and consumption in the post-anesthetic recovery unit

    OpenAIRE

    Marcos Emanuel Wortmann Gomes; Paulo Ernani Evangelista; Florentino Fernandes Mendes

    2003-01-01

    JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: Sabe-se que a dor aguda pós-operatória apresenta grande influência na evolução dos pacientes cirúrgicos. Mobilização precoce, menor tempo de hospitalização, diminuição de custos e maior satisfação são resultados do adequado manuseio da dor. Observa-se uma tendência mundial ao surgimento de serviços especializados no tratamento da dor pós-operatória. O presente estudo visa descrever a influência da criação de um serviço de tratamento da dor aguda pós-operatória nos c...

  8. Classificação de gravidade na pancreatite aguda

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Tercio De Campos

    Full Text Available De acordo com a Classificação de Atlanta a pancreatite aguda pode ser dividida, baseado em sua severidade, em uma forma leve ou grave. Uma série de aspectos têm sido discutidos nos últimos anos, tais como, quantas categorias de gravidade devem ser consideradas; se o doente com falência orgânica é igual ao doente com necrose infectada; qual o papel da falência orgânica transitória; e como avaliar a falência orgânica. A reunião de revista"Telemedicina Baseada em Evidência - Cirurgia do Trauma e Emergência" (TBE-CiTE realizou uma avaliação crítica de artigos relacionados a este tema, considerando três artigos recentes que delinearam duas grandes revisões publicadas nos últimos meses. Estes artigos sugerem a classificação de gravidade em três ou quatro categorias, ao invés de pancreatite aguda leve ou grave, além de discutir qual o melhor escore para avaliar a falência orgânica. As seguintes recomendações foram propostas: (1 A pancreatite aguda deve ser classificada em quatro categorias: leve, moderada, grave e crítica, o que permite uma melhor determinação das características dos doentes; (2 Avaliação de falência orgânica com um escore de gravidade, preferencialmente algum que avalie diretamente cada falência orgânica, tais como o SOFA e o MODS (Marshall. O SOFA parece ter maior acurácia, mas o MODS tem melhor aplicabilidade devido à facilidade de uso.

  9. Avaliação de provas de fase aguda em crianças e adolescentes com artrite idiopática juvenil e sua correlação com atividade da doença Acute phase reactants evaluation in children and adolescents with juvenile idiopathic arthritis and its correlation with disease activity

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Aline Alencar M. F. Nicácio

    2009-06-01

    Full Text Available OBJETIVO:Analisar a relação entre as provas de fase aguda e a atividade clínica da artrite idiopática juvenil e avaliar a concordância entre velocidade de hemossedimentação e proteína C reativa (VHS e PCR na fase aguda da doença. MÉTODOS: Foi realizado estudo retrospectivo tipo coorte a partir da análise de prontuários de 30 crianças e adolescentes que preenchiam os critérios diagnósticos para artrite idiopática juvenil, estavam em atendimento em ambulatório de Reumatologia Pediátrica e haviam realizado as provas de fase aguda (VHS e PCR. RESULTADOS: Dos 30 pacientes, 21 (70% eram do sexo feminino e 19 (63,3% apresentavam o subtipo oligoarticular da doença. A média de idade de início dos sintomas foi 65,6 meses, a idade de diagnóstico de 85,3 e o tempo de evolução, 57,2 meses. As provas de fase aguda mostraram associação positiva com a atividade de doença. A anemia não teve relação com a atividade de doença. A concordância entre as duas provas de fase aguda foi superior a 80%. CONCLUSÕES: As provas de fase aguda mantêm relação positiva com a atividade da doença e o seu uso concomitante aumenta a especificidade.OBJECTIVE:To analyze the relationship between the acute phase reactants and the disease activity of Juvenile Idiopathic Arthritis (JIA and to evaluate the agreement between erythrocyte sedimentation rate and C-reactive protein during the acute phase of the disease. METHODS: a cohort retrospective study has been conducted based on the analysis of 30 children and adolescents who fulfilled the diagnostic criteria of JIA. All of them were in current follow-up at the pediatric rheumatology outpatient clinic and had acute phase reactants blood tests performed. RESULTS: Studied population comprised 30 patients: 21 (70% of them were females and 19 (63.3% presented oligoarticular subtype. The mean age at disease onset was 65.6 months; the age at diagnosis was 85.3 months and the follow-up had 57.2 months of

  10. Características ultraestruturais do segmento abdominal da aorta de rato albino - DOI: 10.4025/actascibiolsci.v29i4.825 Mural features of the abdominal aortic segment of albino rat - DOI: 10.4025/actascibiolsci.v29i4.825

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Karina Simões

    2008-02-01

    Full Text Available O objetivo da presente pesquisa foi investigar as peculiaridades ultraestruturais da parede da aorta de rato. Foram utilizados sete ratos albinos, adultos jovens, dos quais foram coletados fragmentos da aorta abdominal infra-renal. Após a coleta, os segmentos vasculares foram fixados e encaminhados para a rotina de microscopia eletrônica de transmissão e varredura. As lamelas elásticas aparecem interpostas às fibras musculares lisas, sendo essa disposição principalmente notada na túnica média da parede vascular. Entre as fibras musculares lisas e as lamelas elásticas, observa-se um inter-relacionamento aparentemente estreito, feito por conexão e ancoramento entre ambos os elementos murais por meio de lamelas de colágeno. A túnica íntima da aorta abdominal do rato mostra algumas peculiaridades ultraestruturais marcantes, tais como a interrupção, em certos locais da parede, de continuidade da lâmina elástica interna, interrupção acompanhada por poros endoteliais, de certa extensão, suprajacentes à falha na estrutura elástica intimal. Este padrão de constituição mural, com destaque aos ancoramentos elástico-musculares, via o colágeno, parece garantir propriedades fundamentais da parede vascular, concernentes à hemodinâmica, tal como o cisalhamento, normalmente notado entre os estratos superpostos da parede vascular, bem como a contratilidade e a visco-elasticidade da parede arterial.The objective of the present research was to investigate the ultrastructural peculiarities of the aortic wall of the rat. Seven young adult rats were used, from which fragments of the infrarenal abdominal aorta were collected. After collection, the vascular segments were fixed and sent for analysis by scanning electron microscope. The elastic lamellae appear interposed with smooth muscular fibers; this pattern was verified mainly at the medial layer structure. Among the mural elements a well defined interrelationship was established through

  11. Fatores de risco para internação por doença respiratória aguda em crianças até um ano de idade

    OpenAIRE

    Macedo,Silvia Elaine Cardozo; Menezes,Ana Maria Baptista; Albernaz,Elaine; Post,Paulo; Knorst,Marli

    2007-01-01

    OBJETIVO: Avaliar fatores de risco para hospitalização por doença respiratória aguda em crianças até um ano de idade. MÉTODOS: Estudo de casos e controles na cidade de Pelotas, RS. Os casos foram crianças de até um ano de idade, que se hospitalizaram por doença respiratória aguda, de agosto de 1997 a julho de 1998. Os controles foram crianças da comunidade, da mesma idade, sem hospitalização prévia por essa doença. Um questionário investigando exposição a fatores de risco foi aplicado às mães...

  12. Diabetes insipidus como manifestação inicial de leucemia mieloide aguda em paciente com monossomia do cromossomo 7

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Amanda Dias Lima Morais

    2017-04-01

    Full Text Available O diabetes insipidus (DI central é uma síndrome caracterizada pela incapacidade de concentração urinária devido à deficiência do hormônio antidiurético. O envolvimento do sistema nervoso central é frequente nas leucemias, mas a ocorrência de DI é rara e confere pior prognóstico. A patogênese do DI na leucemia não é totalmente conhecida, mas a infiltração do eixo hipotálamo-hipofisário por células leucêmicas parece ser um fator responsável. O presente relato descreve o caso de um paciente que apresentou DI como primeira manifestação de leucemia mieloide aguda e que evoluiu com dificuldades de ajustes do sódio sérico, da poliúria e da reposição volêmica, necessitando de permanência prolongada em unidade de cuidados intensivos. Palavras-chave: diabetes insipidus; leucemia mieloide aguda; monossomia; cromossomo 7.

  13. O perfil da antiestreptolisina O no diagnóstico da febre reumática aguda Antistreptolysin O titer profile in acute rheumatic fever diagnosis

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Claudia Saad Magalhães Machado

    2001-04-01

    Full Text Available OBJETIVO: estabelecer o perfil dos títulos de ASO, mediante o diagnóstico diferencial da FRA com outras afecções que também cursam com níveis elevados de ASO. MÉTODOS: foram estudados 78 casos de FRA na apresentação e seguimento, 22 de coréia isolada, 45 de infecções orofaringeanas recorrentes (IOR e 23 de artrites idiopáticas juvenis (AIJ, com início ou reativação recente. A determinação seqüencial de ASO (UI/ml foi realizada por ensaio nefelométrico automatizado (Behring®-Germany nos períodos de 0-7 dias, 1-2 semanas, 2-4 semanas, 1-2 meses, 2-4 meses, 4-6 meses, 6-12 meses, 1-2 anos, 2-3 anos, 3-4 anos e 4-5 anos após o diagnóstico. RESULTADOS: os títulos de ASO na fase aguda da FRA apresentaram elevação significante até o intervalo de 2- 4 meses (p 960 UI/ml. CONCLUSÃO: esta reavaliação do perfil da ASO indicou uma resposta exuberante na fase aguda da febre reumática indicou ainda que os seus níveis séricos podem diferenciá-la de outras afecções que também cursam com níveis elevados de ASO, como as infecções orofaringeanas recorrentes ou as artrites idiopáticas juvenis em atividade.OBJECTIVE: to determine ASO titer profile by establishing ARF differential diagnoses of other diseases with high levels of ASO antibodies. METHODS: we investigated 78 patients with ARF at onset and follow-up, 22 with isolated chorea at onset, 45 with recurrent oropharyngeal tonsillitis, and 23 with recent flare of juvenile idiopathic arthritis. We tested ASO with automated particle-enhanced immunonephelometric assay (Behring®-Germany. The ASO (IU/ml titers were assessed at the following time intervals: 0-7 days, 1-2 weeks, 2-4 weeks, 1-2 months, 2-4 months, 4-6 months, 6-12 months, 1-2 years, 2-3 years, 3-4 years, and 4-5 years after onset of ARF. RESULTS: ASO titers in patients diagnosed with ARF had a significant increase up to the 2-4-month time interval (P < 0.0001. Baseline levels were observed afterwards in patients

  14. Cirurgia das dissecções crónicas da aorta ascendente com insuficiência valvar Surgery of chronic aortic dissection with aortic insufficiency

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Paulo M Pêgo-Fernandes

    1990-12-01

    Full Text Available No período de janeiro de 1980 a dezembro de 1988, foram operados 44 pacientes com dissecções aórticas crônicas e insuficiência aórtica. Esse grupo foi analisado para se avaliar a evolução comparativa dos doentes em que a valva aórtica foi preservada em relação àqueles em que houve substituição valvar. As características pré-operatórias eram semelhantes, sendo efetuada troca da valva quando havia degeneração valvar ou ectasia ânulo-aórtica. Nos casos de desabamento de válvulas com alargamento do anel realizou-se plástica valvar. Em 48% dos casos foi possível a preservação valvar através de suspensão da valva aórtica. Nos 23 doentes em que foi realizada a substituição valvar, a técnica de Bentall e De Bono foi utilizada em 16. Em seis pacientes foram associados outros procedimentos cirúrgicos. Em todos os doentes operados a partir de 1986 foi utilizada cola biológica. Em 41 (93% pacientes a aorta proximnal foi substituída e nos três restantes realizou-se aortoplastia. Cinco pacientes (11% tiveram morte hospitalar, três por baixo débito, um por sangramento e um por complicação neurológica. Dois pacientes (4% apresentaram morte tardia. O seguimento dos 37 sobreviventes variou de dois a 108 meses, com média de 18: 78% estavam em classe I e os demais em classe II. Dois pacientes que tiveram a valva preservada apresentaram insuficiência aórtica discreta. Três doentes que receberam válvula biológica necessitaram reoperaçáo tardiamente, por disfunção da válvula. Um doente submetido, inicialmente, a aortoplastia e plástica valvar apresentou redissecção e insuficiência aórtica após 60 meses, sendo reoperado pela técnica de Bentall. No estudo com curva atuarial de sobrevida notamos que os pacientes submetidos a plástica valvar tiveram maior sobrevida. Podemos concluir que: 1 a suspensão valvar é uma técnica satisfatória em pacientes com dissecções crônicas da aorta, com baixa mortalidade e

  15. Tratamento cirúrgico sem circulação extracorpórea de arteriopatia relacionada com arterite de Takayasu envolvendo aorta e vasos da base Surgical treatment without extracorporeal circulation of artery disease related to Takayasu's arteritis involving the aorta and great vessels

    OpenAIRE

    Rodrigo Milani; Paulo Brofman; Tayse Sandri; Alexandre Varela; José Augusto Souza; Luiz Gustavo Emed; Stefan da Silveira; Marcelo Dantas; Maximiliano Guimarães; Rafael Pontarolli; Francisco Maia

    2005-01-01

    Relatamos o caso de duas pacientes portadoras de arterite de Takayasu, encaminhadas ao nosso serviço onde as lesões acometiam a aorta torácica descendente e os vasos da base e, em uma delas, lesão obstrutiva crítica do óstio da coronária esquerda. Ambas as pacientes foram operadas sem circulação extracorpórea, com heparinização plena e auxílio de autotransfusão.We report the cases of 2 female patients with Takayasu's arteritis referred to our service with lesions affecting the descending thor...

  16. Ataxias agudas en la infancia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Yaline Betancourt Fursow

    2013-09-01

    Full Text Available La ataxia cerebelosa aguda infantil (ACAI es la forma más frecuente de complicación neurológica por el virus de la varicela.Descritas dentro del grupo de las cerebelitis agudas. Los objetivos de este estudio fueron: evaluar la presentación clínica, manejo y seguimiento de niños hospitalizados con ACAI en un hospital pediátrico terciario donde la inmunización para varicela no está disponible (parte I y describir los diagnósticos diferenciales de la cerebelitis aguda (parte II. Estudiamos 95 pacientes. Los criterios diagnósticos de ataxia aguda se basaron en: pérdida aguda de la coordinación o dificultad para la marcha con o sin nistagmo asociado y duración menor de 48 horas, en un niño previamente sano. Estos criterios se cumplían en todos los casos valorados, excepto en las ataxias secundarias a ingesta de tóxicos, en los que la duración debía ser menor de 24 horas para su inclusión en el estudio. Se registraron los datos en una historia clínica pediátrica y neurológica. Entre los pacientes inmunosuprimidos la incidencia mayor fue la complicación por varicela. La mayoría de los pacientes fueron varones. El rango de edad fue la preescolar, 5 años . El intervalo entre la presentación del rash y el ingreso fue de 1 a 3 días. El estudio de LCR se practicó en 59.5% de los casos. La TAC y la resonancia magnética cerebral (RM presentaron edema en el 33.3%. El aciclovir endovenoso fue utilizado en 23 pacientes; pero no hubo diferencias significativas en las manifestaciones clínicas y seguimiento entre tratados y no tratados. La ataxia fue la primera manifestación clínica. La estadía hospitalaria fue de 4 días (rango: 2-11 días.

  17. Is rhabdomyolysis an additional factor in the pathogenesis of acute renal failure in leptospirosis? É a rabdomiólise um fator adicional na patogônese da insuficiencia renal aguda na leptospirose?

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Reinaldo Martinelli

    1994-04-01

    Full Text Available Leptospirosis is an important cause of acute renal failure in our environment. Although several mechanisms are implicated, the role of rhabdomyolysis in the pathogenesis of acute renal failure in leptospirosis has not been analysed. Sixteen patients with the diagnosis of leptospiroses consecutively admitted to the hospital were prospectively studied. The disease was characterized by sudden onset in all patients and, at admission, jaundice, conjunctival suffusion and myalgias. Mild to moderate proteinuria with unremarkable urinary sediment was recorded in 37.5% of the patients and abnormal levels of urea creatinine were found in 87.5% and 74.0%, respectively. Increased levels of aminotranspherase were documented in all 12 and CPK in all 10 patients studied. Serum myoglobin levels greater than 120µg/l recorded in 56.2%. A correlation between myoglobin and renal failure or severity of disease, however, could not be established.Leptospirose é uma importante causa de insuficiência renal aguda, em nosso ambiente. Embora vários sejam os mecanismos implicados, o papel da rabdomiólise na patogênese da insuficiência renal aguda na leptospirose ainda não foi analisado. Com esse objetivo, 16 pacientes com o diagnóstico da forma icterohemorrágica da leptospirose consecutivamente admitidos no Hospital Couto Maia, Salvador, Bahia, foram prospectivamente estudados. A doença foi caracterizada por início súbito e, à admissão, ictericia, sufusões hemorrágicas conjuntivais e mialgias. Proteinúria de intensidade média a moderada com sedimento urinário inexpressivo foi observada em 37,5% dos pacientes e níveis séricos elevados de uréia e creatinina em 78,5% e 74,0%, respectivamente. Níveis aumentados de aminotransferase foram documentados em todos os 12 e de CPK em todos os 10 pacientes avaliados para essas enzimas. Níveis séricos maiores que 120µg/l foram observados em 56,2% dos pacientes. Não foram encontradas correlações, entretanto

  18. Necrose pancreática delimitada e outros conceitos atuais na avaliação radiológica da pancreatite aguda

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Elen Freitas de Cerqueira Cunha

    2014-06-01

    Full Text Available A pancreatite aguda é uma condição inflamatória causada por ativação intracelular e extravasamento inapropriado de enzimas proteolíticas que determinam destruição do parênquima pancreático e dos tecidos peripancreáticos. Consiste em uma condição clínica bastante frequente, identificando-se duas formas principais de apresentação: a forma edematosa, menos intensa, e a forma necrosante, a forma grave da doença que acomete uma proporção significativa dos pacientes. A avaliação radiológica, sobretudo por tomografia computadorizada, tem papel fundamental na definição da conduta nos casos graves, sobretudo no que diz respeito à caracterização das complicações locais, que têm implicação prognóstica, e na determinação do tipo de abordagem terapêutica. Novos conceitos incluem a subdivisão da pancreatite necrosante nas formas de necrose do parênquima pancreático concomitante com necrose dos tecidos peripancreáticos ou necrose restrita aos tecidos peripancreáticos. Além disso, houve sistematização dos termos: acúmulos líquidos agudos peripancreáticos, pseudocisto, alterações pós-necróticas pancreáticas/peripancreáticas e necrose pancreática delimitada. Tal conhecimento é de extrema relevância no sentido de uniformizar a linguagem entre os especialistas envolvidos no diagnóstico e tratamento desses pacientes.

  19. Retinopatia de Purtscher-like e pancreatite aguda Purtscher-like retinopathy and acute pancreatitis

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Kelly Fernandes de Paula Rodrigues

    2008-04-01

    Full Text Available Retinopatia de Purtscher-like é uma baixa súbita da visão associada à imagem de múltiplas áreas branco-amareladas (manchas algodonosas e hemorragias no pólo posterior de ambos os olhos. O exato mecanismo da injúria ainda não é claro, mas provavelmente seria de natureza embólica.Tem sido descrita em uma variedade de condições, incluindo pancreatite aguda, síndrome de embolia gordurosa, insuficiência renal, nascimento (parto e pós-parto, desordens do tecido conectivo, entre outras. Serão relatados três casos de pancreatite aguda confirmada pelos exames laboratoriais e história clínica, associadas a alterações no exame do fundo de olho, compatíveis com esta retinopatia.Purtscher-like retinopathy is acute loss of vision associated image of the multiple areas of retinal whitening and hemorrhage in the posterior pole of both eyes. The exact mechanism of injury remains unclear, current evidence suggests that it is embolic in nature. In a variety of conditions are been described including acute pancreatitis, fat embolism syndrome, renal failure, childbirth, and connective tissue disorders. Will are related three cases of the acute pancreatitis which was confirmed by complementary laboratory studies and clinical history, associated from exam of the fundus of the eye, similar is this retinopathy.

  20. Insuficiencia renal aguda con necrosis tubular aguda secundaria a picadura masiva de abejas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Gustavo A. Aroca - Martínez

    2006-01-01

    Full Text Available Leñador de 46 años consulta al servicio de nefrología, de la Clínica Renal de la Costa en Barranquilla, con episodio de insuficiencia renal aguda 48 horas después de haber sufrido múltiples picaduras por abejas africanizadas. Durante su estancia hospitalaria presentó incremento de enzimas musculares (AST LDH, y de pruebas de función renal, motivo por el cual fue dializado en varias ocasiones. Con mejoría total, se decide egresar y manejar ambulatoriamente. Se concluye que el caso se trata de una insuficiencia renal por necrosis tubular aguda por rabdomiolisis debida a la picadura múltiple de abejas africanizadas.

  1. Resultados da cirurgia do aneurisma da aorta abdominal em pacientes jovens Outcomes after surgical repair of abdominal aortic aneurysms in young patients

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Telmo P. Bonamigo

    2009-06-01

    Full Text Available CONTEXTO: A presença de aneurisma da aorta abdominal (AAA é rara em pacientes jovens. OBJETIVO: Avaliar os resultados da cirurgia do AAA em pacientes com idade BACKGROUND: Abdominal aortic aneurysms (AAA are rare in young patients. OBJECTIVE: To evaluate outcomes after AAA repair in patients aged < 50 years. METHODS: Between June 1979 and January 2008, 946 patients underwent elective repair for an infrarenal AAA performed by the first author. Of these, 13 patients (1.4% were < 50 years old at surgery. Demographic characteristics and surgical data were analyzed, as well as early and late outcomes after surgical intervention. RESULTS: Mean age was 46±3.4 years (ranging from 43 to 50 years. Most patients were men (76.9%, hypertensive (76.9% and smokers (61.5%. Perioperative morbidity and mortality rates were low (15.4% and 0%, respectively; one patient had respiratory infection and another patient had unstable angina. Median follow-up was 85.5 months, and two patients died due to ischemic cardiopathy and cerebrovascular accident during the follow-up period. CONCLUSION: AAA repair in young patients is a safe procedure, with good long-term results. In our study, there were no perioperative deaths, and a good long-term survival was observed.

  2. Evaluation of the normal thoracic and abdominal aorta diameters by computerized tomography; Avaliacao dos diametros normais da aorta toracica e abdominal pela tomografia computadorizada

    Energy Technology Data Exchange (ETDEWEB)

    Lucarelli, Claudio Luiz

    1995-07-01

    The study was undertaken to evaluate, through computerized tomography, the diameters of the normal thoracic and abdominal aorta, as well as they are connected to gender, age and body surface area; and the ratio between measurements obtained at the ascending and descending limbs of the thoracic aorta, and between the abdominal aortic diameters. For that reason, we measured the widest anteroposterior diameters of the thoracic aortas at the levels of the arch, the root, the pulmonary artery, and the thoracic-abdominal transition, as well as the level of the emergence of the superior mesenteric artery, of the renal hila and just cephalad to the bifurcation of the abdominal aortas of 350 patients without cardiovascular diseases who had undergone computerized tomography of the thorax and/or abdomen for any other reasons. Observation and statistic analyses led us to conclude that: 1) both the thoracic and abdominal aortic diameters are reduced from their proximal to their distal portions; 2) the body surface influences the size of the aorta, although only extreme variations alter the vessel's caliber; 3) vessel diameter was observed to gradually increase with age; 4) men were found to have larger diameters than age matched women; 5) the ratio between the ascending and descending aortic diameters varies according to gender and age; 6) the relations between abdominal aortic diameters measured at the level of renal hila and cephalad to the bifurcation are independent from gender and age. But the relation between those measured at the level of the superior mesenteric artery and cephalad to the bifurcation are linked to gender, but not to age. (author)

  3. Evaluation of the normal thoracic and abdominal aorta diameters by computerized tomography; Avaliacao dos diametros normais da aorta toracica e abdominal pela tomografia computadorizada

    Energy Technology Data Exchange (ETDEWEB)

    Lucarelli, Claudio Luiz

    1995-07-01

    The study was undertaken to evaluate, through computerized tomography, the diameters of the normal thoracic and abdominal aorta, as well as they are connected to gender, age and body surface area; and the ratio between measurements obtained at the ascending and descending limbs of the thoracic aorta, and between the abdominal aortic diameters. For that reason, we measured the widest anteroposterior diameters of the thoracic aortas at the levels of the arch, the root, the pulmonary artery, and the thoracic-abdominal transition, as well as the level of the emergence of the superior mesenteric artery, of the renal hila and just cephalad to the bifurcation of the abdominal aortas of 350 patients without cardiovascular diseases who had undergone computerized tomography of the thorax and/or abdomen for any other reasons. Observation and statistic analyses led us to conclude that: 1) both the thoracic and abdominal aortic diameters are reduced from their proximal to their distal portions; 2) the body surface influences the size of the aorta, although only extreme variations alter the vessel's caliber; 3) vessel diameter was observed to gradually increase with age; 4) men were found to have larger diameters than age matched women; 5) the ratio between the ascending and descending aortic diameters varies according to gender and age; 6) the relations between abdominal aortic diameters measured at the level of renal hila and cephalad to the bifurcation are independent from gender and age. But the relation between those measured at the level of the superior mesenteric artery and cephalad to the bifurcation are linked to gender, but not to age. (author)

  4. Valor Diagnóstico do Aumento dos Eosinóftlos e Linfocitos no Lavado Bronco-Alveolar em Doentes com Insuficiência Respiratória Aguda e Infiltrados Pulmonares Difusos

    OpenAIRE

    Kazui Soma; Nobukazu Takada; Masaru Kubota; Masato Katagiri; Nobuo Yanase; Tomoyuki Tomita; Takashj Ohwada

    2000-01-01

    RESUMO: Os autores analisaram de 1983 a 199 1, a utilidade da contagem diferencial de células no Lavado Bronco-Alveolar (LBA) em doentes com Insuficiência Respiratória Aguda (IRA) e Infiltrados Pulmonares Difusos (IPD), com particular interesse nos que apresentavam níveis elevados de eosinóflos ou de linfocitos no LBA. Foram estudados 118 doentes com insuficiência respiratória para aguda e com PaO2

  5. Inhibition of cyclooxygenase-2 in experimental severe acute pancreatitis Inibição da Ciclo-Oxigenase-2 na pancreatite aguda grave experimental

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    José Luiz Jesus de Almeida

    2006-08-01

    Full Text Available BACKGROUND: The standard treatment for acute pancreatitis (AP is still based on supportive care. The search for a new drug that could change the natural history of the disease is a continuing challenge for many researchers. The aim of this study is to evaluate the effect of a cyclooxygenase-2 (COX-2 inhibitor on experimental AP in rats. METHODS: The animals were divided into 2 groups: Group 1 (n = 30-animals with taurocholate-induced AP treated with parecoxib (40 mg/kg. Group 2 (n = 30-animals with taurocholate-induced AP that received saline. The COX-2 inhibitor (parecoxib was injected immediately after AP induction, through the penis dorsal vein. The parameters evaluated were histology, serum levels of amylase, IL-6 and IL-10, and mortality rate. RESULTS: The serum levels of IL-6 and IL-10 in the parecoxib-treated group were lower than the control group. The amylase serum levels and the mortality rate remained unchanged in the treated animals. Histologic morphology also was unaltered, except for fat necrosis, which was higher in parecoxib-treated rats. CONCLUSION: Inhibition of Cox-2 decreases the systemic release of inflammatory cytokines, but has a poor effect on the direct pancreas injury caused by taurocholate.INTRODUÇÃO: O tratamento padrão para a pancreatite aguda permanece baseado em medidas de suporte. A busca por uma droga que altere a história natural da doença ainda é um desafio para muitos pesquisadores. O objetivo deste estudo é avaliar o efeito de um inibidor da COX-2 na pancreatite aguda grave experimental (PA em ratos. MÉTODO: Os animais foram divididos em dois Grupos: Grupo 1 (n=30 - animais com PA induzida por taurocolato e tratados com parecoxib (40mg/Kg. Grupo 2 (n=30 - animais com PA induzida por taurocolato que receberam solução salina. O inibidor de COX-2 (parecoxib foi injetado imediatamente após a indução, através da veia dorsal do pênis. Os parâmetros avaliados foram histologia, níveis séricos de

  6. Mielopatia transversa em adulto portador de leucemia aguda linfoblástica: relato de caso

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Brito José Correia de Farias

    2001-01-01

    Full Text Available Relatamos um caso de mielopatia transversa aguda em paciente masculino de 31 anos de idade, branco, portador de leucemia aguda linfoblástica, subtipo L3 (LLA-L3. Esta é uma forma grave de leucemia e compromete mais crianças em relação aos adultos. Menos de 1% dos pacientes leucêmicos apresentam complicações espinais. No paciente em estudo, a sintomatologia instalou-se de modo abrupto e com as seguintes características: dores nas costas, paraplegia crural flácida e perda das funções sensitivas e vegetativas abaixo do segmento afetado. O diagnóstico etiológico foi estabelecido após a realização dos seguintes exames: hemograma, mielograma, análise do líquido cefalorraqueano e ressonância magnética de coluna dorsal. Foi instituído tratamento específico, que não interferiu com a evolução fatal da doença.

  7. Do paradigma molecular ao impacto no prognóstico: uma visão da leucemia promielocítica aguda From the molecular model to the impact on prognosis: an overview on acute promyelocytic leukemia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rafael Henriques Jácomo

    2008-02-01

    Full Text Available A leucemia promielocítica aguda (LPA é um modelo da aplicabilidade clínica dos conhecimentos moleculares fisiopatológicos. Caracteriza-se por alterações genéticas recorrentes que envolvem o gene do receptor alfa do ácido retinóico. A conseqüência é uma proteína com sensibilidade reduzida ao ligante, com bloqueio da diferenciação mielóide. Entretanto, doses suprafisiológicas do ácido all-trans-retinóico (ATRA são capazes de suplantar esta deficiência, e este é o princípio fundamental do tratamento da LPA, permitindo uma sobrevida livre de doença acima de 80% quando adequadamente tratada. Epidemiologicamente, difere dos demais subtipos de leucemia mielóide aguda por apresentar incidência predominante em adultos jovens e, aparentemente, maior incidência em países de colonização "latina". Contrastando com os excelentes resultados observados em países desenvolvidos, a mortalidade por LPA no Brasil ainda é alta, apesar da ampla disponibilidade das medicações no país.Acute promyelocytic leukemia (APL is a model of clinical applicability of the knowledge of molecular physiopathology. It is characterized by recurrent genetic involvement of the retinoic acid alpha receptor. The consequence is a protein with low sensibility to its ligand and a myeloid maturation arrest. However, higher doses of all-trans-retinoic acid (ATRA are able to supersede this deficiency and this is the mainstay of APL treatment leading to over 80% disease free survival, when adequately treated. Epidemiologically, it differs from other acute myeloid leukemia due to a higher incidence in young adults and in countries of "Latin" colonization. Differing from excellent results observed in developed countries, APL mortality in Brazil is still high, despite the wide availability of drugs.

  8. Escala de Alvarado como herramienta diagnóstica para apendicitis aguda

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Iván Pimienta Concepción

    2017-06-01

    Full Text Available Introducción: La apendicitis aguda es la enfermedad intrabdominal más frecuente tratada de urgencia. Resulta de interés la utilización de la Escala de Alvarado en el diagnóstico de esta patología por su contribución a la disminución de apendicectomías negativas. Objetivo: Determinar la validez de la Escala de Alvarado como herramienta diagnóstica para apendicitis aguda en pacientes atendidos en el Servicio de Cirugía General del Hospital IESS Ambato. Métodos: Se realizó una investigación observacional, descriptiva y transversal en pacientes hospitalizados con cuadro de dolor abdominal y sospecha de apendicitis aguda, valorados en el Servicio de Cirugía General en el Hospital General IESS Ambato en el período junio 2015 a noviembre del año 2015. Resultados: De acuerdo al resultado histopatológico predominó la apendicitis aguda supurada con (n=83, 54.9%; seguida de apendicitis aguda gangrenosa (n=35, 23.2%; apendicitis aguda precoz (n=15, 9.9%; mientras que el resultado normal y apendicitis aguda gangrenosa perforada se encontraron con los mismos valores (n=9, 5.9%. Conclusiones: Existió un puntaje elevado de la Escala de Alvarado para el diagnóstico de apendicitis aguda según la severidad de los hallazgos descritos en el resultado histopatológico posterior a la apendicectomía. El resultado histopatológico de mayor frecuencia fue la apendicitis aguda supurada, con un riesgo medio en la Escala de Alvarado, la cual es más sensible en periodos de gravedad.

  9. Uso do suporte ventilatório com pressão positiva contínua em vias aéreas (CPAP por meio de máscara nasofacial no tratamento da insuficiência respiratória aguda

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Scarpinella-Bueno M.A.

    1997-01-01

    Full Text Available OBJETIVO. O objetivo dos autores foi avaliar o efeito da ventilação com CPAP oferecida por meio de máscara nasofacial como método de suporte ventilatório em pacientes com insuficiência respiratória aguda com critérios de indicação para intubação traqueal. CASUÍSTICA E MÉTODO. Foram estudados 11 pacientes com idade média de 41,3 anos em insuficiência respiratória aguda internados na Unidade Respiratória do Hospital São Paulo - Escola Paulista de Medicina. À admissão, era colhida gasometria arterial em ar ambiente e monitorizava-se freqüência respiratória (f, freqüência cardíaca (FC e pressão arterial (PA. Os mesmos parâmetros eram avaliados após oxigenoterapia via máscara facial aberta e com máscara facial de CPAP usando PEEP de 5cm H2O. RESULTADOS. Com o uso de CPAP através de máscara nasofacial, houve melhora significativa dos níveis de PaO2 e diminuição da freqüência respiratória (p<0,05, quando comparados aos valores em ar ambiente e com máscara facial aberta. CONCLUSÃO. Este trabalho permitiu concluir que a máscara facial de CPAP com 5cm H2O foi eficiente em melhorar a oxigenação arterial e diminuir a freqüência respiratória dos pacientes com insuficiência respiratória aguda, proporcionando-lhes maior conforto, constituindo uma medida terapêutica capaz de evitar o suporte ventilatório invasivo.

  10. Comportamento da síndrome coronariana aguda: resultados de um registro brasileiro Acute coronary syndrome behavior: results of a Brazilian registry

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Leopoldo Soares Piegas

    2013-01-01

    ão ajudar a promover um melhor planejamento e manejo do atendimento da síndrome coronariana aguda a nível público e privado.BACKGROUND: Brazil lacks published multicenter registries of acute coronary syndrome. OBJECTIVE: The Brazilian Registry of Acute Coronary Syndrome is a multicenter national study aiming at providing data on clinical aspects, management and hospital outcomes of acute coronary syndrome in our country. METHODS: A total of 23 hospitals from 14 cities, participated in this study. Eligible patients were those who came to the emergency wards with suspected acute coronary syndrome within the first 24 hours of symptom onset, associated with compatible electrocardiographic alterations and/or altered necrosis biomarkers. Follow-up lasted until hospital discharge or death, whichever occurred first. RESULTS: Between 2003 and 2008, 2,693 ACS patients were enrolled, of which 864 (32.1% were females. T he final diagnosis was unstable angina in 1,141 patients, (42.4%, with a mortality rate of 3.06%, non-ST elevation acute myocardial infarction (AMI in 529 (19.6%, with mortality of 6.8%, ST-elevation AMI 950 (35.3%, with mortality of 8.1% and non-confirmed diagnosis 73 (2.7%, with mortality of 1.36%. The overall mortality was 5.53%. The multiple logistic regression model identified the following as risk factors for death regarding demographic factors and interventions: female gender (OR=1.45, diabetes mellitus (OR=1.59, body mass index (OR=1.27 and percutaneous coronary intervention (OR=0.70. A second model for death due to major complications identified: cardiogenic shock/acute pulmonary edema (OR=4.57, reinfarction (OR=3.48, stroke (OR=21.56, major bleeding (OR=3.33, cardiopulmonary arrest (OR=40.27 and Killip functional class (OR=3.37. CONCLUSION: The Brazilian Registry of Acute Coronary Syndrome data do not differ from other data collected abroad. The understanding of their findings may help promote better planning and management of acute coronary syndrome care

  11. Aortic properties and atrial electrophysiology in the young and old football players Propriedades da aorta e electrofisiologia atrial em futebolistas profissionais ativos e aposentados

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Hakan Hasdemir

    2011-06-01

    Full Text Available OBJECTIVE: The purpose of this study was to investigate the differences between P wave dispersion, aortic elastic properties and transthoracic echocardiographic findings in the young and old football players compared to control groups in order to asses the influence of regular sportive activity on aortic distensibility and its potential effect on atrial electrophysiology. METHODS : We recruited 42 young football players with a training history of many years. The control group was formed by 27 healthy sedentary men. Twenty-three healthy retired football players of a professional football club aged over 50 years were included in the study as old group and 18 subjects over 50 year old who did not perform regular exercise when they were young were included in the control group of old subjects. RESULTS: The heart rate and ejection fraction were decreased in the young football players. There were no significant differences in the aortic elastic parameters and P wave dispersion between young football players and control group. But in old subjects with sustained participation in regular sportive activity, the significant difference of left ventricular dimension, wall thickness and systolic functions detected in the young group disappeared while increase in the left atrial diameter became significant. CONCLUSION: Potential effect of aortic elastic properties which changes with age, on atrial electrophysiology through increasing P wave dispersion was shown.OBJETIVO: Com este estudo pretendeu-se levar a cabo um ensaio clínico que permitisse investigar as diferenças entre a dispersão da onda P (DOP, as propriedades elásticas da aorta e os resultados da ecocardiografia transtorácica em futebolistas profissionais ativos e reformados, face a grupos de controle, de modo a avaliar a influência da atividade desportiva regular na distensibilidade aórtica e o seu potencial efeito na electrofisiologia atrial. MÉTODOS: Para este estudo foram recrutados 42

  12. Experiencia en el manejo endovascular para el tratamiento de la aorta torácica Experience in endovascular management for thoracic aorta treatment

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Juan G Barrera

    2007-12-01

    Full Text Available Antecedentes: el tratamiento endovascular ofrece la posibilidad de cubrir el origen de la disección y evitar que progrese hasta aneurisma de la aorta, y con ello demuestra una reducción en la mortalidad hasta del 16%. Objetivo: evaluar los resultados quirúrgicos en términos de morbi-mortalidad de los pacientes sometidos a manejo endovascular de las lesiones de la aorta torácica en la Fundación Cardiovascular de Colombia desde 2003 hasta 2005. Diseño-método: estudio longitudinal tipo descriptivo retrospectivo, en el que se evaluaron las historias clínicas de todos los pacientes sometidos a manejo endovascular de patología toracoabdominal; en éste sólo se incluyeron los pacientes con procedimientos de la aorta torácica, desde 2003 hasta 2005. El análisis de los datos se realizó en Stata/SE 8,0. Resultados: se realizaron procedimientos de aorta torácica en 16 pacientes. El 75% de los pacientes eran hombres con edad promedio de 55,9 ± 12,6 años. El 87,5% (14 pacientes presentaban disección aórtica tipo A o B; un paciente transección traumática de la aorta y un paciente aneurisma de aorta torácica descendente. Las disecciones agudas se presentaron en 78,6% (11 pacientes y las crónicas en 21,4% (3 pacientes. El promedio de endoprótesis usadas fue de 2,8 ± 1. La estancia en la unidad de cuidados intensivos fue de 3 ± 2,7 días. El 81,3% de los pacientes no presentaron complicaciones mayores. La mortalidad fue del 18,7% (3 pacientes. A todos se les realizó control post-operatorio con tomografía axial computarizada, con evolución satisfactoria. Conclusión: de acuerdo con los reportes de la literatura con mayor casuística, se considera que el manejo endovascular para el tratamiento de la disección, aneurisma o trauma aórtico es un procedimiento confiable que disminuye la morbi-mortalidad.Antecedents: endovascular treatment has the possibility of covering the dissection origin and to avoid its progression to aortic

  13. Ataxia cerebelar aguda na criança Acute cerebellar ataxia in children

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Valeriana Moura Ribeiro

    1968-03-01

    Full Text Available São relatados os casos de 6 crianças com ataxia cerebelar aguda. Admitem os autores a presença de um fator etiológico de caráter viral comum a todos êles, discutindo os mecanismos patogênicos com base nos casos da literatura. A evolução foi favorável em todos os pacientes, com regressão completa da sintomatologia, dentro do período de 6 a 60 dias.Clinical observations of 6 children with acute cerebellar ataxia and respective laboratorial data are reported. Considerations are made in order to support the hypothesis of involving virus. The evolution of the disorder was a nonfatal one and the patients regained normal cerebellar function within a period of 6 to 60 days.

  14. Osteopontin expression and its possible functions in the aortic disorders and coronary artery disease A expressão da osteopontina e as suas funções possíveis nas desordens aórticas e doença arterial coronariana

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Shi-Min Yuan

    2011-06-01

    level of the patients with coronary artery disease was much lower than those with aortic dissection (P = 0.033 or with aortic aneurysm (P = 0.019. By unparametric tests, there were significant differences in the aortic OPN contents among aortic dissection, aortic aneurysm and coronary artery disease groups (P OBJETIVOS: A osteopontina (OPN está estreitamente associada com os processos de oncogênese e remodelação. Entretanto, essa citocina era raramente avaliada na presença de aortopatias, especialmente na dissecção aórtica aguda. O objetivo do presente estudo foi avaliar a expressão de OPN por meio de abordagens moleculares biológicas, de modo a oferecer uma melhor compreensão dos possíveis mecanismos das aortopatias. MÉTODOS: Pacientes consecutivos com um tipo de dissecção aguda da aorta (20 pacientes, aneurisma da aorta (nove pacientes ou doença arterial coronária (21 pacientes foram incluídos neste estudo. As amostras de sangue depois da heparinização sistemática e de 21 voluntários jovens e saudáveis não apontaram nenhuma evidência de qualquer problema ao serem investigados por ensaio imunoenzimático (ELISA. Os espécimes cirúrgicos dos tecidos aórtica coletados dos pacientes durante as operações foram obtidos para a reação de transcrição reversa quantitativa em tempo real em cadeia da polimerase (RT-PCR para OPN mRNA, técnica de Western blot para a proteína OPN, e imunohistoquímica de OPN. Amostras da aorta de indivíduos saudáveis que morreram de acidente foram obtidos para controle imunohistoquímico. RESULTADOS: Com uso do RT-PCR quantitativo, as expressões de OPN mRNA foram suprarreguladas em todos os três grupos cirúrgicos. Os resultados quantitativos não revelaram quaisquer diferenças intergrupais. Western blot revelou que OPN foi positiva com intensidade semelhante de expressões em todos os três grupos. As análises quantitativas Western blot de expressões OPN não apresentaram significâncias entre os grupos. As

  15. Intoxicação experimental aguda por Senecio brasiliensis em ovinos e indução de resistência à intoxicação

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fabiane B. Grecco

    2012-09-01

    Full Text Available Ovinos são mais resistentes à intoxicação por Senecio spp. que bovinos e equinos. Para determinar se essa resistência é induzida pela ingestão de pequenas e repetidas doses da planta e se essa resistência é duradoura, foram realizados três experimentos com folhas e talos verdes de Senecio brasilienses. Para determinar a dose mínima que causa intoxicação aguda (experimento 1, foram administradas doses únicas de 60, 80, 90, 100 e 100g/kg de peso corporal (pc a cinco ovinos, respectivamente. Os animais que receberam 60 e 80 g/kg de pc de S. brasiliensis não adoeceram, porém o ovino que recebeu 80g/kg de pc apresentava fibrose e megalocitose discretas nas biópsias realizadas aos 90, 120 e 150 dias do término da administração da planta. Os ovinos que receberam 90 e 100g/kg de pc apresentaram anorexia, prostração, movimentos de pedalagem, dor abdominal e morte 12-48 horas após o aparecimento dos sinais clínicos. Na necropsia havia ascite, petéquias disseminadas e acentuação do padrão lobular hepático. Histologicamente havia necrose hemorrágica centro-lobular. No Experimento 2 a dose capaz de causar a intoxicação aguda foi fracionada e administrada em duas, cinco e 10 doses diárias para 3 ovinos, respectivamente. A dose tóxica fracionada não provocou sinais clínicos de intoxicação em nenhum dos ovinos, porém havia fibrose periportal e megalocitose moderadas nas biopsias realizadas aos 60 dias do término da administração da planta, as quais não evoluíram. O ovino que recebeu a dose fracionada em 10 administrações não apresentou lesões histológicas nas biópsias. Para determinar se os ovinos tornam-se resistentes à forma aguda da intoxicação (experimento 3, foram administradas doses diárias de 15g/kg de pc por 30 dias e 30g/kg de pc por 10 dias a quatro ovinos. No dia seguinte à última administração dois ovinos receberam a dose única de 100g/kg de pc de S. brasiliensis, mas não adoeceram nem

  16. Prevalência de toxoplasmose aguda em gestantes, incidência de toxoplasmose congênita e desempenho de testes diagnósticos em toxoplasmose congênita

    OpenAIRE

    Ivana Rosângela dos Santos Varella

    2007-01-01

    Introdução: A infecção aguda pelo Toxoplasma gondii em gestantes pode determinar infecção fetal através de passagem transplacentária. As crianças afetadas podem desenvolver coriorretinite e déficit neurológico, na ausência de tratamento adequado. Objetivos: Estimar a prevalência de toxoplasmose aguda em gestantes atendidas na maternidade do Hospital Nossa Senhora da Conceição, avaliando possíveis diferenças nas freqüências ao longo do período estudado; medir a incidência de toxoplasmose congê...

  17. Comportamiento de la otitis media aguda

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Gladys Fuentes Fernández

    Full Text Available Introducción: la otitis media aguda es una complicación de las infecciones respiratorias agudas altas, frecuente en los niños menores de 5 años. Objetivos: caracterizar su comportamiento, según edad y sexo, e identificar algunos factores de riesgo en este grupo de edad. Métodos: se realizó un estudio descriptivo retrospectivo de 554 niños ingresados en el hospital Pediátrico de Centro Habana con el diagnóstico de otitis media aguda, durante los años 2006-2010. Los datos se recogieron de las historias clínicas. Resultados: la otitis media aguda fue más frecuente en el sexo masculino (58,7 % y en los menores de 1 año (53,1 %. El antecedente de bajo peso (33,9 % y la prematuridad (27,5 %, la asistencia a círculos infantiles (43,5 % y el hábito de fumar de los padres (58,4 %, además del antecedente de ingresos hospitalarios por otitis media en el mes previo a la aparición del episodio actual (59,0 %, constituyeron los principales factores de riesgo en el presente estudio. Conclusiones: la otitis media es una causa frecuente de ingresos hospitalarios, y se identifican como principales factores de riesgo la asistencia a círculos infantiles y el tabaquismo de algunos de los padres.

  18. Proteinograma sérico, com ênfase em proteínas de fase aguda, de bovinos sadios e bovinos portadores de enfermidade aguda de ocorrência natural

    OpenAIRE

    Simplício,K.M.M.G.; Sousa,F.C.; Fagliari,J.J.; Silva,P.C.

    2013-01-01

    Nas últimas décadas, as proteínas de fase aguda (PFAs) tornaram-se biomarcadores de escolha em medicina humana para identificação e monitoração de doenças. Não há razão para imaginar que tais pesquisas clínicas não sejam igualmente úteis na medicina veterinária. Com o objetivo de verificar a importância das PFAs como biomarcadores de doenças inflamatórias em bovinos, determinou-se o proteinograma sérico, por meio da técnica de eletroforese SDS-PAGE, com interesse especial nas PFAs. Foram util...

  19. Toxicidade aguda do extrato aquoso de folhas de Erythrina velutina em animais experimentais

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ariadne Conceição Santos Craveiro

    Full Text Available Este trabalho teve como objetivo a avaliação da toxicidade aguda do extrato aquoso de folhas de Erythrina velutina, espécie vegetal muito usada na medicina popular principalmente como tranqüilizante. O protocolo experimental utilizado seguiu o Guia para a Realização de Estudos de Toxicidade Pré-clínica de Fitoterápicos da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa, 2004. Ratos Wistar adultos foram tratados por via oral com a dose limite de 5 g/kg do extrato e observados por 14 dias consecutivos. Nenhum animal veio a óbito e nenhum sinal de toxicidade foi detectado nas observações comportamentais ou nas autópsias, indicando uma razoável atoxicidade do extrato.

  20. Mecanismos del daño celular en la insuficiencia renal aguda Mechanisms of cell damage in acute renal failure

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    José Martínez

    1989-01-01

    Full Text Available

    Los mecanismos del da no celular en la insuficiencia renal aguda Incluyen alteraciones en la producción de energía, la permeabilidad celular y el transporte de calcio. Dichas alteraciones producen cambios progresivos en la estructura celular que pueden ser reversibles si desaparece la causa que llevó a la falla renal, excepto cuando se alcanza la fase final de la lesión de la membrana y se llega a necrosis celular. Este mismo fenómeno probablemente ocurre tambIén en situaciones clínicas.

    The mechanisms of cellular damage In acute renal failure Include alterations In energy production, cell membrane permeability and calcium transport. These changes lead to progressive damage of the whole cellular structure which In general can be reversible If the precipitating cause disappears, except when the final stages of cell membrane lesion take place and cellular necrosis has occurred. This phenomenon probably applies for the clinical settling as well.

  1. Molecular basis of Acute Myelogenous Leukemia As bases moleculares da leucemia mielóide aguda

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Eduardo M. Rego

    2002-01-01

    Full Text Available Acute Myelogenous Leukemia (AML is frequently associated with recurring chromosomal translocations, which lead to the fusion of two genes encoding transcription factors. As the moieties of these fusion proteins retain part of the functional domains of the wild-type proteins, they may interfere directly or indirectly with the transcriptional regulation of the leukemic cell, conferring survival advantage. The majority of the transcription factors commonly involved in recurring chromosomal translocations may be grouped in one of the following families: core binding factor (CBF, retinoic acid receptor alpha (RARalpha, homeobox (HOX family, and mixed lineage leukemia (MLL. In vivo analysis of the molecular basis of leukemogenesis through the generation of transgenic mouse models revealed that a common theme is the recruitment of transcriptional co-activators and co-repressors by these fusion proteins. However, the expression of the fusion protein is not sufficient to induce full blown leukemia, as evidenced in part by the long latencies required for disease development in the transgenic models of leukemia, and therefore, second mutagenic events may contribute to AML pathogenesis.A leucemia mielóide aguda (LMA está freqüentemente associada a translocações cromossômicas recorrentes. Em muitos casos, os genes presentes nos pontos de quebra cromossômica são conhecidos e, quase todos codificam para fatores de transcrição. O gene híbrido, resultante da justaposição de exons de genes distintos, codifica para proteínas de fusão. Como estas retêm a maior parte dos domínios funcionais das proteínas selvagens, elas interferem direta ou indiretamente com regulação da transcrição gênica, conferindo vantagem à sobrevivência das células leucêmicas. A maioria dos fatores de transcrição afetados pelas translocações cromossômicas associadas a LMA pode ser agrupada numa das seguintes famílias: dos core binding factors (CBF, do receptor

  2. Changes in the management of patients with severe acute pancreatitis Mudanças no manejo de doentes com pancreatite aguda grave

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Tercio De Campos

    2008-09-01

    Full Text Available BACKGROUND: Severe acute pancreatitis is present in up to 25% of patients with acute pancreatitis, with considerable mortality. Changes in the management of acute pancreatitis in the last 2 decades contributed to reduce the mortality. AIM: To show the evolution in the management of severe acute pancreatitis, comparing two different approaches. METHODS: All patients with severe acute pancreatitis from 1999 to 2005 were included. We compared the results of a retrospective review from 1999 to 2002 (group A with a prospective protocol, from 2003 to 2005 (group B. In group A severe pancreatitis was defined by the presence of systemic or local complications. In group B the Atlanta criteria were used to define severity. The variables analyzed were: age, gender, etiology, APACHE II, leukocytes, bicarbonate, fluid collections and necrosis on computed tomography, surgical treatment and mortality. RESULTS: Seventy-one patients were classified as severe, 24 in group A and 47 in group B. The mean APACHE II in groups A and B were 10.7 ± 3.5 and 9.3 ± 4.5, respectively. Necrosis was seen in 12 patients (50% in group A and in 21 patients (44.7% in group B. Half of the patients in group A and two (4.3% in group B underwent to pancreatic interventions. Mortality reached 45.8% in group A and 8.5% in group B. CONCLUSION: A specific approach and a prospective protocol can change the results in the treatment of patients with severe acute pancreatitis.RACIONAL: A pancreatite aguda grave está presente em até 25% dos doentes com pancreatite aguda, com mortalidade considerável. Mudanças no tratamento da pancreatite aguda nas últimas duas décadas contribuíram para a redução da mortalidade destes doentes. OBJETIVO: Mostrar a evolução do manejo da pancreatite aguda, comparando duas diferentes abordagens. MÉTODOS: Todos os doentes com pancreatite aguda grave de 1999 a 2005 do Serviço de Emergência da Santa Casa de São Paulo, SP, foram incluídos. Os

  3. Transmissão da doença de Chagas por transplante renal: ocorrência da forma aguda da doença em dois receptores de um mesmo doador Transmission of Chagas' disease through transplantede kidney: occurrence of the acute form of the disease in two recipients from the same donor

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    A.S. Ferraz

    1993-10-01

    Full Text Available São apresentados dois casos de doença de Chagas aguda, adquiridos através de transplante de rins originários de um mesmo doador. O presente relato confirma a transmissão da doença de Chagas a partir do transplante renal e reforça a necessidade de exclusão de doadores renais infectados pelo Trypanosoma cruzi.Two cases of acute Chagas' disease acquired after renal transplantation are reported. The two patients received the kidney from the same donor. The present paper confirms this form of transmission of Chagas' disease and reinforces the need to exclude kidney donors with Trypanosoma cruzi infection.

  4. Pharyngeal-cervical-brachial variant of Guillain-Barré syndrome: a rare cause of acute bulbar dysfunction in children = Variante faringo-cérvico-braquial da síndrome de Guillain-Barré: uma causa rara de disfunção bulbar aguda em crianças

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Coelho, Joana

    2014-01-01

    Conclusões: Apesar da variante faringo-cervico-braquial ser pouco frequente em idade pediátrica, é um diagnóstico que deve ser considerado perante uma criança com disfunção bulbar aguda, pois a identificação precoce permite instituir rapidamente medidas terapêuticas que podem evitar a morte

  5. Pancreatitis aguda grave asociada a gangrena vesicular

    OpenAIRE

    Arroyo-Sánchez, Abel S; Aguirre-Mejía, Rosa Y; Echenique-Martínez, Sergio E

    2014-01-01

    Se presenta el caso un paciente diabético que desarrolló un cuadro de pancreatitis aguda grave asociada a gangrena vesicular, en el que se evaluó la aplicabilidad de los criterios de clasificación y manejo de la hoja de ruta para pancreatitis aguda, así mismo se proponen algunos tópicos que pudieran ser investigados a futuro We present a diabetic patient who developed severe acute pancreatitis associated to gallbladder gangrene, in this case we assessed the applicability of classification ...

  6. VIH: Infeccion aguda, pesquisa y manejo

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cortés S. Esteban, Dr.

    2014-05-01

    Si bien existe una relativa facilidad para realizar el diagnóstico de un paciente con la infección crónica por VIH, existe por otro lado una relativa dificultad para realizar el diagnóstico de la infección aguda en etapas tempranas de la infección. Esta situación es de importancia desde el punto de vista de la Salud Pública por cuanto en la infección aguda es cuando se producen las viremias más elevadas y por tanto la mayor facilidad para que el sujeto sea infectante y disemine la infección viral.

  7. Leucemia mielóide aguda (LMA secundária à trombocitemia essencial (TE: um relato de caso

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marcelo Gil Cliquet

    2015-10-01

    Full Text Available Introdução: A trombocitemia essencial é classificada como pertencente ao grupo de distúrbios mieloproliferativos clássicos BCR/ABL negativos. A progressão para leucemia aguda é rara (<2% e é considerada, na maioria das vezes, no contexto da terapia leucemogênica. A transformação em leucemia pode demorar de 1,7 a 16 anos. Relato de caso: Paciente de 56 anos, do sexo feminino. Apresentou plaquetose de 655.000/mm3. Foram afastadas causas reacionais de plaquetose e solicitados exames como mutação da JAK2 (V617F presente, biópsia de medula óssea e cariótipo (Ph1 negativo, que mostraram-se compatíveis com diagnóstico de Trombocitemia Essencial. Em 2008 foi iniciado tratamento com Hidroxiureia mas a pedido da paciente houve mudança para Anagrelide. Como o controle com esse medicamento foi inadequado (plaquetose chegando a 1.000.000/mm3, foi reiniciando tratamento com Hidroxiureia, obtendo-se boa resposta, apesar do uso irregular.Em Maio de 2015 retornou ao serviço com hemograma de Março apresentando anemia (11,5g/dl, neutrófilos no limite inferior (1617/mm3 e plaquetas de 285.000/mm3. Apesar da suspensão da hydroxiureia por 1 semana, evoluiu com piora do hemograma, passando a apresentar pancitopenia. Foi solicitada avaliação de medula, resultando em diagnóstico de Leucemia Mielóide Aguda do tipo M6 com características de Síndrome Mieloproliferativa Crônica e de Síndrome Mielodisplasica e 20% de blastos Paciente veio a óbito por sangramentos e sepse após o primeiro ciclo. Conclusão: Apesar de pouco frequente, a transformação da Trombocitemia Essencial pode ocorrer e a observação constante desses pacientes deve sempre procurar alterações que possam sugerir esta complicação.

  8. Inibição da guanilato ciclase pelo azul de metileno no choque circulatório causado por pancreatite aguda necrosante: uma palavra de cuidado embasada em modelo suíno

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Caroline Floreoto Baldo

    Full Text Available OBJETIVO: estudar o uso terapêutico do bloqueio da guanilato ciclase pelo azul de metileno em um modelo experimental de pancreatite aguda grave em suínos. MÉTODOS: a pancreatite aguda necrotizante foi induzida em porcos anestesiados por infusão ductal pancreática retrógrada de 1ml/kg de taurocolato de sódio a 5% e 8U/kg de enteroquinase. Três grupos foram estudados (n=5: controle (C, pancreatite (PA, "bolus" de azul seguido por pancreatite (AM+PA. Os dados incluíram enzimas séricas e do líquido abdominal, variáveis hemodinâmicas, hemogasometria arterial, volume de líquido abdominal, marcadores inflamatórios plasmáticos, nitrito/nitrato e mieloperoxidase e malondialdeído plasmático. Aplicou-se a análise de variância seguida do pós-teste de Bonferroni (p<0,05. RESULTADOS: os valores de amilase e lipase foram três e dez vezes mais elevados no grupo PA. A atividade da mieloperoxidase foi 50% superior no grupo PA. Os dados hemodinâmicos indicaram choque hipovolêmico precoce seguido de choque cardiogênico. Observou-se grave translocação de líquidos para a cavidade peritoneal. A nitrito/nitrato plasmática permaneceu inalterada. O grupo AM+PA teve aumento de cinco vezes do mieloperoxidase em comparação com o grupo C. CONCLUSÕES: a utilização de azul de metileno em suínos com pancreatite não demonstrou efeitos significativos sobre variáveis hemodinâmicas e inflamatórias. Seu uso terapêutico na pancreatite necro-hemorrágica pode ser inadequado e extremo cuidado deve ser tomado dado o aumento da peroxidação lipídica evidenciado pelo aumento dos valores do malondialdeído.

  9. The use of mice as animal model for testing acute toxicity (LD-50 of toxic shock syndrome toxin Utilização de camundongos como modelo animal para a verificação da toxicidade aguda da toxina-1 da síndrome do choque tóxico

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    R.S. Dias

    2009-02-01

    Full Text Available Acute toxicity test (LD-50 using toxic shock syndrome toxin (TSST-1 was tested in BALB/c, C57BL/6 and Swiss mice. Animals (n = 10 were intraperitoneally injected with TSST-1 (0.01-10.0µg/mouse followed 4h later by potentiating dose of lipopolysaccharide (75.0µg of LPS - E. coli O111:B4 and cumulative mortality was recorded over 72h. Control animals received either TSST-1 or LPS alone. The data were submitted to qui-Square test and acute toxicity test was calculated by probit analysis (confidence limits expressed as µg toxin/kg. BALB/c mice was the most sensitive (20.0µg/kg, 95% confidence limits: 9.0-92.0 followed by C57BL/6 (38.5µg/kg, 95% confidence limits: 9.11- 401.6. Data from Swiss mice was not conclusive, indicating only low sensitivity. Selection of the animal model and standardization of the experiment are fundamental for the development of serum neutralization tests used for final quality control of vaccine production.A toxicidade aguda (DL-50 da toxina da síndrome do choque tóxico (TSST-1 foi testada em linhagens de camundongos BALB/c, C57BL/6 e Suíça. Os animais (n=10 inoculados intraperitoneal com doses crescentes de toxina (0,01 - 10,0µg/animal receberam 4h após 75µg de LPS (E. coli O111: B4. A toxicidade aguda (DL50 foi observada por um período de 72h e os dados submetidos ao teste de qui- quadrado. Os resultados e os limites de confiança foram expressos em µg de toxina/kg. A linhagem BALB/c apresentou maior sensibilidade (20µg/kg - limite de confiança a 95% entre 9,0- 92,0, seguida da C57BL/6 (38,5µg/kg - limite de confiança a 95% entre 9,11 - 401,6. A amplitude dos limites de confiança deve-se à natureza da toxina, ao mecanismo de ação, a via de inoculação e ao animal utilizado. A seleção do modelo animal e a padronização do experimento são fundamentais para o desenvolvimento de testes de soro neutralização para fins de controle de qualidade do processo de produção de vacinas.

  10. Avaliação da concordância interobservador na análise da tomografia computadorizada sem contraste no diagnóstico da urolitíase em pacientes com cólica renal aguda Interobserver agreement on non-contrast computed tomography interpretation for diagnosis of urolithiasis in patients with acute flank pain

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luís Ronan Marquez Ferreira de Souza

    2006-10-01

    Full Text Available OBJETIVO: Avaliar a reprodutibilidade da tomografia computadorizada sem contraste na avaliação da litíase ureteral e os sinais secundários de obstrução do sistema coletor em pacientes com cólica renal aguda. MATERIAIS E MÉTODOS: Estudo prospectivo de 52 pacientes com diagnóstico clínico de cólica renal aguda submetidos a exame de tomografia computadorizada de abdome sem contraste. Os exames foram realizados com técnica helicoidal e posteriormente analisados por três observadores independentes, com a concordância interobservador avaliada pelo método estatístico kappa (kapa. Foram analisados os parâmetros: a presença, localização e mensuração dos cálculos ureterais; b dilatação do sistema coletor intra-renal; c heterogeneidade da gordura perirrenal; d dilatação ureteral; e edema da parede ureteral (sinal do halo. RESULTADOS: Foram encontrados 40 cálculos ureterais na tomografia computadorizada (77%. A concordância interobservador para a identificação do cálculo ureteral e da dilatação ureteral foi quase perfeita (kapa = 0,89 e kapa = 0,87, respectivamente, substancial para dilatação do sistema coletor intra-renal (kapa = 0,77 e moderada para heterogeneidade da gordura perirrenal e para edema da parede ureteral (kapa = 0,55 e kapa = 0,56, respectivamente. CONCLUSÃO: A tomografia computadorizada de abdome sem contraste apresenta elevada reprodutibilidade na avaliação da litíase ureteral e dos sinais secundários de obstrução do sistema coletor.OBJECTIVE: To evaluate the interobserver agreement on non-contrast computed tomography interpretation by a group of experienced abdominal radiologists, for the study of urolithiasis in patients presenting acute flank pain. MATERIALS AND METHODS: Prospective study of 52 patients submitted to non-contrast enhanced helical computed tomography. The images were subsequently analyzed by three independent observers, with the interobserver agreement assessed by means of the

  11. Injúria renal aguda: um alerta global

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Philip Kam Tao Li

    2013-03-01

    Full Text Available A Injúria Renal Aguda (IRA é cada vez mais prevalente nos países desenvolvidos e nos em desenvolvimento, e está associada com morbidade e mortalidade severas. A maioria das causas da IRA pode ser evitada por meio de intervenções em nível individual, comunitário, regional e intra-hospitalar. Medidas efetivas devem incluir, em toda a comunidade, os esforços para aumentar a consciência dos efeitos devastadores do IRA e fornecer orientações sobre as estratégias de prevenção, bem como o reconhecimento e tratamento precoces. Os esforços devem ser focados em minimizar as causas de IRA, aumentando a consciência da importância de medidas seriadas de creatinina sérica em pacientes de alto risco para IRA, e documentar o volume de urina em pessoas gravemente doentes para obtenção de diagnóstico precoce; até o momento, não há ainda um papel definitivo para outros biomarcadores. Há a necessidade de protocolos para sistematizar a conduta em condições de IRA pré-renal e em infecções específicas. Dados mais precisos sobre a verdadeira incidência e o impacto clínico da IRA ajudarão a melhor conhecer a importância desta doença, a aumentar o conhecimento de IRA por parte dos governantes, dos médicos em geral e de outros profissionais de saúde para ajudar na prevenção da doença. A prevenção é a chave para evitar a pesado ônus de mortalidade e morbidade associada com IRA.

  12. Leucemia linfoblástica aguda em lactentes: 20 anos de experiência

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Amanda Ibagy

    2013-02-01

    Full Text Available OBJETIVO: Analisar pacientes com menos de dois anos de idade com leucemia linfoblástica aguda atendidos no período de 1990 a 2010, em um centro de referência estadual. MÉTODOS: Estudo clínico, epidemiológico, transversal, descritivo e observacional. Pacientes incluídos tinham menos de dois anos de idade, com leucemia linfoblástica aguda, tratados no período de 1990 a 2010 na unidade de oncologia pediátrica de um centro de referência estadual, totalizando 41 casos. RESULTADOS: Todos os pacientes eram Caucasianos e 60,9% eram do sexo feminino. Com relação à idade, 24,38% tinham menos de seis meses, 17,07% tinham entre seis meses e um ano e 58,53% mais do que um ano de idade. A idade de seis meses foi estatisticamente significante para o desfecho de óbito. Os sinais e sintomas predominantes foram febre, hematomas e petéquias. Uma contagem de leucócitos superior a 100.000 foi observada em 34,14% dos casos; hemoglobina inferior a 11 em 95,13% e contagem de plaquetas inferior a 100.000, em 75,61% dos casos. Infiltração do sistema nervoso central estava presente em 12,91% dos pacientes. Em relação à linhagem, a linhagem B predominou (73%, mas a linhagem de células T foi estatisticamente significativa para o óbito. Trinta e nove por cento dos pacientes tiveram recorrência da doença. Em relação ao estado vital, 70,73% dos pacientes morreram, sendo choque séptico a principal causa. CONCLUSÕES: leucemia linfoblástica aguda em crianças tem uma alta taxa de mortalidade, principalmente em crianças menores de um ano e linhagem derivada de células T.

  13. Insuficiência renal aguda em pacientes com sepse grave: fatores prognósticos = Acute renal injury in patients with severe sepsis: prognostic factors

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Okamoto, Thábata Yaedu

    2012-01-01

    Conclusões: A insuficiência renal aguda foi ocorrência comum nos pacientes com sepse, fazendo parte de um quadro de disfunção de múltiplos órgãos e sistemas, particularmente nos pacientes com diagnóstico de choque séptico, estando associada a aumento da probabilidade de morte nesses pacientes graves. O uso de drogas vasoativas foi o único fator de risco para mortalidade em pacientes com sepse e insuficiência renal aguda que se manteve na análise multivariada. Estes resultados apontam para a importância do tratamento precoce dos quadros de sepse grave a tempo de prevenir a evolução para choque séptico e para insuficiência renal

  14. Anestesia para cesariana em gestante com hipoplasia de aorta distal: relato de caso Anestesia para cesárea en embarazada con hipoplasia de aorta distal: relato de caso Anesthesia for cesarean section on a pregnant woman with hypoplasia of the distal aorta: case report

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Leonardo de Andrade Reis

    2008-02-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: Anomalias vasculares maternas, potencialmente graves para o feto, podem colocar em risco a perfusão uterina, suscitando cuidados ainda maiores por parte da equipe anestésica. O objetivo deste relato foi mostrar a conduta anestésica para operação cesariana em uma gestante com hipoplasia de aorta distal, logo abaixo da emergência das artérias renais, com estenose da artéria renal e ausência de artérias ilíacas. RELATO DO CASO: Paciente de 30 anos, 54 kg, na segunda gestação com uma cesariana anterior sem intercorrências. Durante a realização de ecografia gestacional na 12ª semana observou-se interrupção da aorta logo abaixo da saída das artérias renais. A paciente foi encaminhada para a realização de cineangiocoronariografia que mostrou hipoplasia da aorta distal abaixo das artérias renais, com ausência das artérias ilíacas. Durante a investigação clínica a paciente mostrou-se assintomática, com exceção de hipertensão arterial e claudicação aos grandes esforços. A paciente foi submetida à anestesia peridural contínua, com titulação da dose anestésica necessária à realização da cesariana. Inicialmente foram injetados 50 mg de bupivacaína a 0,5% sem vasoconstritor e 10 µg de sufentanil. Quinze minutos após, a anestesia foi complementada com mais 25 mg de bupivacaína a 0,5%, o que foi suficiente para atingir adequado nível de bloqueio. A cesariana transcorreu sem intercorrências e a criança nasceu em boas condições clínicas. CONCLUSÕES: O uso de anestesia peridural contínua com doses fracionadas demonstrou ser uma técnica anestésica segura para a realização desse procedimento por reduzir os riscos de hipotensão arterial materna inerente ao bloqueio espinal e também por minimizar a transferência placentária de fármacos, que ocorrem quando do emprego da anestesia geral. A titulação de fármacos através do cateter peridural possibilitou atingir nível anest

  15. Fibrilação atrial, infarto agudo do miocárdio e oclusão arterial aguda em paciente jovem com hipertireoidismo

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fabrício Thebit Bortolon

    2009-09-01

    Full Text Available Relato de caso de paciente jovem com hipertireoidismo não diagnosticado, apresentando quadro de fibrilação atrial, infarto agudo do miocárdio e oclusão arterial aguda de perna direita. Submetido à trombólise, embolectomia e iniciado tratamento para hipertireoidismo com tapazol. A evolução foi satisfatória, com reversão da alteração eletrocardiográfica isquêmica, melhora dos sintomas de oclusão arterial, controle do ritmo cardíaco e da função tireoidiana.

  16. Aneurisma de aorta com ruptura para esôfago Aortic aneurysm rupture into the esophagus

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Christiano da Silveira de Barcellos

    2008-12-01

    Full Text Available Apresentamos o caso de uma paciente portadora de aneurisma de aorta descendente com ruptura para o esôfago que, após aortoplastia com interposição de tubo de dacron e rafia da laceração esofágica, evoluiu com fístula esôfago pleural no terceiro dia pós-operatório. A paciente necessitou de reintervenção e cuidados intensivos, reabilitando-se adequadamente. A propósito deste caso incomum e do aprendizado adquirido no seu manejo, revisamos a literatura a fim de discutir a melhor alternativa de correção desta rara e, freqüentemente, fatal forma de apresentação das doenças da aorta.We present the case of a patient with a descending aorta aneurysm rupture into the esophagus, which, after aortoplasty with Dacron tube interposition and suture of esophageal laceration, developed a pleural-esophagus fistula on the 3rd postoperative day. She needed re-intervention and intensive care, followed by adequate recovery. Considering this unusual case and the knowledge acquired through its management, we reviewed the literature in order to discuss the best alternative for the correction of this rare and often fatal form of presentation of aortic diseases.

  17. Dez anos de cirurgia dos aneurismas e dissecções crônicas da aorta ascendente no Instituto do Coração - FMUSP Ten years of operation for aneurysms or chronic dissections of ascending aorta, in the Instituto do Coração - FMUSP

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ronaldo Ducceschi Fontes

    1991-04-01

    Full Text Available Entre janeiro de 1980 e dezembro de 1990, 109 pacientes com idade entre 12 e 70 anos, 86 do sexo masculino e 23 do sexo feminino, foram operados para tratamento de aneurismas e dissecções da aorta ascendente, associados ou não a insuficiência aórtica. Trinta e quatro pacientes estavam em classe funcional (CF IV (NYHA, 51 em CF III, 18 em CF II e seis em CF I. Cinqüenta e dois pacientes tinham dissecção crônica da aorta, 29 tinham ectasia ânulo-aórtica, dez aneurisma sacular com insuficiência aórtica e os demais, diagnósticos associados. A mortalidade imediata foi de 12,8% (14 óbitos. Vinte e sete (24,7% pacientes não foram acompanhados tardiamente. A mortalidade tardia foi de 13,4% (11/82. Dos 72 pacientes acompanhados clinicamente até 120 meses de evolução (três a 120 meses, 65 (90,5% mantêm-se em CF I e II. Concluiu-se que: a operação de Bentall - De Bono, demonstra ter melhor resultado em relação às interposições de tubo (p From January 1980 to Dezember 1990, 109 patients, 86 males and 16 females, ranging in age from 12 to 70 years, were operatated on for aneurysms or chronic dissections of the ascending aorta, associated or not to aortic valve insufficiency. Thirty-four patients were in New York Heart Association class IV, 51 in class III, 18 in class II and six in class I. Fifty-two patients had chronic aortic dissection, 29 annulo-aortic ectasia, 10 saaular aneurysm, remaining 8 ethiologics. The early mortality was 12.8% (14 deaths. Twenthy-seven patients were lost for follow-up during a period ranging from three months to 10 years (average 82 months. The late mortality was 13.4% (11/82. Among the 72 patients survivors, clinicai improvement was observed in the majority of patients (90.5% are in class I or II. Among the several operative techniques, the Bentatt and De Bono showed better early survival and is preferable option when indicated. The actuarial curve showed a 70% survival for the whole group, after 120

  18. Hepatite aguda colestática pelo propiltiouracil: relato de caso

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    PAROLIN Mônica Beatriz

    2000-01-01

    Full Text Available Propiltiouracil é uma droga amplamente utilizada no tratamento do hipertiroidismo. A hepatotoxicidade é um dos efeitos colaterais mais raros e também mais graves associados a ela. Relata-se um caso de hepatite aguda colestática que acomete um jovem de 15 anos em uso de propiltiouracil para tratamento de hipertiroidismo. Causas virais, metabólicas e autoimunes foram excluídas e a biopsia hepática revelou achados histopatológicos sugestivos de hepatite colestática induzida por droga. Com a suspensão da droga, houve remissão dos sintomas e normalização progressiva das provas de função hepática. Raramente, os pacientes em uso de propiltiouracil podem desenvolver injúria hepática grave.

  19. Leucograma e proteínas de fase aguda de ruminantes domésticos sadios e enfermos

    OpenAIRE

    Simplicio, Kalina Maria de Medeiros Gomes [UNESP

    2011-01-01

    Foi avaliada a importância de proteínas de fase aguda (PFA) como biomarcadores de enfermidades em ruminantes domésticos. Para tal se determinou o proteinograma sérico e leucograma de 15 bovinos sadios e 15 doentes, 15 ovinos sadios e 15 doentes, e 15 caprinos sadios e 15 doentes. Todos foram submetidos a colheitas diárias de sangue durante sete dias, enquanto permaneciam internados no Hospital Veterinário da FCAV-UNESP, Câmpus de Jaboticabal. Em bovinos a haptoglobina teve destaque como bioma...

  20. Manifestações músculo-esqueléticas como apresentação inicial das leucemias agudas na infância Musculoskeletal manifestations as the onset of acute leukemias in childhood

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cássia Maria Passarelli Lupoli Barbosa

    2002-12-01

    Full Text Available Objetivo: estudar a prevalência e as características clínicas e laboratoriais dos pacientes com manifestações músculo-esqueléticas na apresentação inicial das leucemias agudas. Métodos: estudo de casos prevalentes, retrospectivo, descritivo, no qual foram avaliados pacientes com diagnóstico de leucemia aguda, atendidos no Instituto de Oncologia Pediátrica da UNIFESP, de novembro de 1999 a fevereiro de 2000. As queixas músculo-esqueléticas foram investigadas através de um questionário. Os dados referentes ao exame físico e provas laboratoriais, no início da doença, foram obtidos através da revisão de prontuários. Resultados: sessenta e uma crianças foram incluídas neste estudo, sendo que 93% apresentavam leucemia linfóide aguda, e 7% leucemia mielóide aguda. Trinta e oito crianças (62% apresentaram dor músculo-esquelética no início da doença. Artrite foi observada em 8 casos (13%. A média de articulações acometidas foi 2,5 (variando de 1 a 6, sendo as mais acometidas os joelhos, os tornozelos e os cotovelos. Três pacientes (4,9% apresentavam hemograma normal, 54 (88% hemoglobina baixa (em 6 pacientes foi a única alteração, leucopenia em 14 (22%, leucocitose em 26 (42%, e plaquetopenia em 46 (75% pacientes. Oito pacientes (13% mostravam blastos em sangue periférico. Conclusão: as queixas músculo-esqueléticas são manifestações iniciais freqüentes das leucemias agudas, e devem ser consideradas no diagnóstico diferencial da dor em membros e das artrites agudas ou crônicas da infância. Os exames laboratoriais podem ser inicialmente normais, tornando ainda mais difícil esta diferenciação.Objective: to study the frequency, the clinical features and laboratory exams of patients with musculoskeletal symptoms at the onset of acute leukemia. Methods: retrospective, descriptive study including patients diagnosed with acute leukemia, and treated at the Institute of Pediatric Oncology of UNIFESP, carried out

  1. Apendicitis Aguda

    OpenAIRE

    Jorge Fallas González

    2012-01-01

    La apendicitis aguda, descrita desde 1886, es la emergencia quirúrgica más común. Tiene su mayor incidencia durante la adultez joven y su menor incidencia en niños y adultos mayores. Su diagnóstico se basa en una historia clínica completa, un examen físico bien orientado y en una adecuada interpretación de los exámenes de laboratorio y gabinete. A pesar de ser una entidad de resolución quirúrgica, su tratamiento engloba diferentes aspectos médicosAcute appendicitis, described since 1886, is t...

  2. Subtipos moleculares de PML/RARα en pacientes con leucemia promielocítica aguda

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    María del Carmen Castro-Mujica

    2013-03-01

    Full Text Available El objetivo fue describir la frecuencia de los subtipos moleculares de PML/RARα en pacientes con leucemia promielocítica aguda (LPA y su distribución según grupo de riesgo de recaída y citomorfología. Se realizó una serie de casos que incluyó a cincuenta pacientes registrados en el Instituto Nacional de Enfermedades Neoplásicas (INEN, durante el periodo 2010-2012, con diagnóstico molecular de LPA PML/RARα y subtipos bcr1, bcr2 y bcr3 por reacción en cadena de la polimerasa con transcriptasa reversa (RT-PCR. El subtipo bcr1 fue el más frecuente (62%. Los pacientes con riesgo de recaída intermedio y morfología hipergranular fueron, en su mayoría, bcr1 (70% y todos los que poseían riesgo de recaída alto y morfología hipogranular fueron bcr3. Se concluye que en la población estudiada hay un predomino del subtipo bcr1 y que existen diferencias en la distribución de los subtipos bcr1 y bcr3 según el grupo de riesgo de recaída y citomorfología

  3. Fatores de risco para internação por doença respiratória aguda em crianças até um ano de idade Risk factors for acute respiratory disease hospitalization in children under one year of age

    OpenAIRE

    Silvia Elaine Cardozo Macedo; Ana Maria Baptista Menezes; Elaine Albernaz; Paulo Post; Marli Knorst

    2007-01-01

    OBJETIVO: Avaliar fatores de risco para hospitalização por doença respiratória aguda em crianças até um ano de idade. MÉTODOS: Estudo de casos e controles na cidade de Pelotas, RS. Os casos foram crianças de até um ano de idade, que se hospitalizaram por doença respiratória aguda, de agosto de 1997 a julho de 1998. Os controles foram crianças da comunidade, da mesma idade, sem hospitalização prévia por essa doença. Um questionário investigando exposição a fatores de risco foi aplicado às mães...

  4. Gingivitis ulceronecrosante aguda

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Eduardo de la Teja-Ángeles

    2015-11-01

    Full Text Available La gingivitis ulcerativa necrosante, conocida por sus siglas en inglés como GUN (anteriormente se le conocía como enfermedad de Vincent o “boca de trinchera” por afectar a soldados en guerra, es una enfermedad poco frecuente.1-6 Se caracteriza por ser una infección aguda y dolorosa en la que las encías sangran, hay necrosis de las papilas interdentales y ataque al estado general.

  5. Características epidemiológicas e genéticas associadas à gravidade da bronquiolite viral aguda pelo vírus sincicial respiratório

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Alfonso E. Alvarez

    2013-12-01

    Full Text Available OBJETIVO: avaliar os fatores epidemiológicos e genéticos associados à gravidade da Bronquiolite Viral Aguda (BVA pelo Vírus Sincicial Respiratório (VSR. FONTE DOS DADOS: foram utilizados descritores "bronchiolitis", "risk factor", "genetics" e "respiratory syncytial virus" e todas as combinações entre eles, nas bases de dados PubMed, SciELO e Lilacs publicados após o ano de 2000 e que incluíram indivíduos menores de dois anos de idade. SÍNTESE DOS DADOS: foram encontrados 1.259 artigos e lidos seus respectivos resumos. Destes foram selecionados 81 que avaliaram fatores de risco para a gravidade da BVA para leitura na íntegra, e foram incluídos os 60 estudos mais relevantes. Os fatores epidemiológicos associados com a gravidade da BVA pelo VSR foram: prematuridade, tabagismo passivo, baixa idade, ausência de aleitamento materno, doença pulmonar crônica, cardiopatia congênita, sexo masculino, etnia, coinfecção viral, baixo peso na admissão hospitalar, tabagismo materno na gestação, dermatite atópica, ventilação mecânica no período neonatal, antecedente materno de atopia e/ou asma na gestação, estação do nascimento, baixo nível socioeconômico, síndrome de Down, poluição ambiental, morar em altitude acima de 2.500 metros do nível do mar e parto cesariana. Em contrapartida, algumas crianças com BVA grave não apresentam nenhum desses fatores de risco. Neste sentido, estudos recentes têm verificado a influência de fatores genéticos relacionados à gravidade da BVA pelo VSR. Polimorfismos dos genes TLRs, RANTES, JUN, IFNA5, NOS2, CX3CR1, ILs e VDR têm-se mostrado associados com a evolução mais grave da BVA pelo VSR. CONCLUSÃO: a gravidade da BVA pelo VSR é um fenômeno dependente da interação entre variáveis epidemiológicas, ambientais e genéticas em seus diferentes graus de interação.

  6. Modulação da pressão intracraniana em um modelo experimental de hipertensão abdominal e lesão pulmonar aguda

    OpenAIRE

    Zampieri,Fernando Godinho; Almeida,Juliana Roberta; Schettino,Guilherme Pinto de Paula; Park,Marcelo; Machado,Fabio Santana; Azevedo,Luciano Cesar Pontes

    2011-01-01

    OBJETIVO: Avaliar o efeito de alterações hemodinâmicas, respiratórias e metabólicas sobre a pressão intracraniana em um modelo de lesão pulmonar aguda e síndrome compartimental abdominal. MÉTODOS: Oito porcos Agroceres foram submetidos, após a instrumentação, a cinco cenários clínicos: 1) estado basal com baixa pressão intra-abdominal e pulmão sadio; 2) pneumoperitôneo, com pressão intra-abdominal de 20 mm Hg; 3) lesão pulmonar aguda induzida por lavagem pulmonar e desativação de surfactante;...

  7. Lesão renal aguda em crianças: incidência e fatores prognósticos em pacientes gravemente enfermos Acute kidney injury in children: incidence and prognostic factors in critical ill patients

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Kenia Machado Souza Freire

    2010-06-01

    Full Text Available OBJETIVOS: Lesão renal aguda caracteriza-se pela redução súbita e, em geral, reversível da função renal com perda da capacidade de manutenção da homeostase do organismo. Em pediatria, as principais causas de lesão renal aguda são sepse, uso de drogas nefrotóxicas e isquemia renal nos pacientes criticamente enfermos. Nesses pacientes, a incidência de lesão renal aguda varia de 20 a 30%, resultando em aumento da taxa de morbi-mortalidade de 40 a 90%. Este estudo tem como objetivo avaliar a incidência de lesão renal aguda nos pacientes internados em unidade de terapia intensiva, classificar a gravidade da lesão renal aguda de acordo com o Pediatric Risk, Injury, Failure, Loss, End-Stage (pRIFLE, analisar a relação entre lesão renal aguda e a gravidade através do Pediatric Index of Mortality (PIM e estudar os fatores prognósticos associados. MÉTODOS: Realizou-se um estudo prospectivo entre julho de 2008 a janeiro de 2009 dos pacientes internados na unidade de terapia intensiva pediátrica do Hospital Infantil Joana de Gusmão - Florianópolis (SC - Brasil. Todos os pacientes foram analisados diariamente através do débito urinário e creatinina sérica e classificados de acordo com pRIFLE. RESULTADOS: No período de acompanhamento foram internadas 235 crianças. A incidência de lesão renal aguda foi de 30,6%, sendo que o pRIFLE máximo durante a internação foi de 12,1% para R, 12,1% para I e 6,4% para F. A taxa de mortalidade foi de 12,3%. Os pacientes que evoluíram com lesão renal aguda apresentaram risco dez vezes maior de óbito em relação aos não expostos. CONCLUSÃO: Lesão renal aguda é uma entidade comum nos pacientes críticos. O diagnóstico precoce a e instituição imediata de medidas terapêuticas adequadas a cada situação clínica podem alterar o curso e a gravidade do envolvimento renal reduzindo a morbi-mortalidade do paciente.OBJECTIVES: Acute kidney injury is characterized by sudden and generally

  8. Insuficiência renal aguda em paciente tratada com ATRA e anfotericina B: relato de caso

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Gelcimar Moresco

    2011-06-01

    Full Text Available O presente relato apresenta o caso clínico de uma paciente com leucemia promie-locítica aguda tratada com ácido todo-transretinoico (ATRA, que apresentou suspeita de síndrome do ácido transreti-noico (síndrome de ATRA. Com a ocor-rência de leucopenia febril inespecífica, foram associados ao tratamento antimi-crobianos e antifúngicos. A diminuição da função renal, observada inicialmente, contribuiu para a suspeita de síndrome de ATRA, que foi agravada pelos antifúngi-cos. Assim, o uso de ATRA foi suspenso, mas somente 8 dias depois foi caracteriza-da pneumonia e descartada a hipótese de síndrome de ATRA. Nesse contexto, foi discutida a nefrotoxicidade do ATRA e a potencialização desse efeito adverso pelo uso de antifúngicos nefrotóxicos, em par-ticular da anfotericina B, assim como a im-portância do diagnóstico diferencial entre síndrome de ATRA e doença infecciosa.

  9. Forma atípica de tireoidite supurativa aguda em paciente pediátrico: relato de caso

    OpenAIRE

    Torres, Maria Rosineide dos S.; Medeiros, Carla C. M.; Nóbrega Neto, Sebastião Horácio; Souza, Lincoln S.; Rodrigues, Mônica L. C.; Silva, Maria Nelice M.; Maior, Lyzandra de H. C. S.; Avelino, Márcia C.; Mourão, Germana T. F.

    2008-01-01

    A tireoidite aguda é uma doença rara. Na infância associa-se principalmente a anormalidades congênitas com acometimento do lobo esquerdo. Na ausência de tireoidopatia preexistente, a função tireoidiana geralmente está normal. Relatamos um caso de uma menina, 6 anos de idade, com tumoração associada a sinais flogísticos na região cervical anterior há 15 dias acompanhada de leucocitose com desvio à esquerda, VSH e TSH elevados. Não havia história prévia de tireoidopatia. A ultra-sonografia da r...

  10. Direct emergence of the dorsospinal artery from the aorta and spinal cord blood supply. Case reports and literature review

    International Nuclear Information System (INIS)

    Siclari, Francesca; Fasel, Jean H.D.; Gailloud, Philippe

    2006-01-01

    Direct emergence of a dorsospinal artery from the aorta is a rare anatomic variant, of which a total of seven cases have been reported. This report offers an additional angiographic observation and reviews the literature. Two observations of common intercostal trunks documented during spinal angiography are described. In the first observation, the common intercostal trunk provided complete blood supply to two adjacent vertebral levels (T11 and T12). In other words, the trunk included an intercostal branch and a dorsospinal branch for each level. In the second observation, the common intercostal trunk provided an intercostal branch for each level (T9 and T10), but only one dorsospinal branch (T10). An isolated dorsospinal artery (DA) originated separately from the aorta at the T9 level, and provided a significant contribution to the anterior spinal axis. The two reported cases illustrate the concept of ''complete'' versus ''incomplete'' common intercostal trunks. In instances where an incomplete trunk is documented, a separate DA originating directly from the aorta must be looked for. A review of the literature indicates a tendency for isolated DAs to participate in the blood supply to the spinal cord. (orig.)

  11. Origem anômala da artéria circunflexa da artéria pulmonar direita Anomalous origin of circunflex artery from the right pulmonary artery

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    José Carlos R Iglézias

    1989-08-01

    Full Text Available É relatado, pela primeira vez na literatura, o caso de paciente adulto de 35 anos, com queixa de dor precordial aos esforços desde há 17 anos e que, após ter sido submetido a correção de coarctação de aorta, foi investigado e teve como diagnóstico: origem anômala da artéria circunflexa. No intra-operatório, constatou-se que a mesma tinha origem na artéria pulmonar direita. Foi realizada a sutura do óstio anômalo e um enxerto livre da artéria torácica interna direita para a coronária circunflexa. Além da raridade da lesão, são possíveis considerações fisiopatológicas relacionadas com a coarctação da aorta, neste caso específico.A case never described in adults before is here reported. A 35-year-old patient who had referred precordial pain in effort for seventeen years was investigated after having been submitted to correction of coarctation of the aorta, and had the following diagnosis: anomalous origin of the circunflex artery. In the intraoperatory, the latter was found to proceeed from the right pulmonary artery. The anomalous ostio was sutured and a free graft was made, from the right internal thoracic artery to the circunflex coronary. In addition to the unusualness of such pathology, some physiopatologic considerations related to the coarctation of the aorta may be made, in this particular case.

  12. Toxicidade aguda e risco ambiental do antibiótico oxitetraciclina para tilápia ( Oreochromis niloticus , Daphnia magna e Lemna minor

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    A.A. Machado

    Full Text Available RESUMO O objetivo deste estudo foi classificar o antibiótico Terramicina(r de acordo com a toxicidade aguda e o risco de intoxicação ambiental para Oreochromis niloticus, Daphnia magna e Lemna minor, com base no seu ingrediente ativo oxitetraciclina (OTC. Além disso, observou-se a ocorrência de sinais de intoxicação aguda em peixes e o efeito da diluição do antibiótico sobre as variáveis de qualidade de água. Alevinos, neonatos e frondes foram expostos a concentrações de OTC. De acordo com os resultados dos testes de toxicidade aguda, a Terramicina(r foi classificada pela toxicidade aguda e pelo risco de intoxicação ambiental. Para O. niloticus, a CL(I50; 48h calculada foi de 6,92 mg L-1, para D. magna a CE(I50; 48h foi de 0,17mg.L-1, enquanto para L. minor a CI(I50;7d foi de 0,68 mg L-1. A Terramicina(r foi classificada como muito tóxica para O. niloticus e extremamente tóxica para D. magna e L. minor e causa risco de intoxicação ambiental para os três organismos testados. Concentrações de 7,5 e 8,0 mg L-1 de OTC reduziram a concentração de oxigênio dissolvido na água. De acordo com este estudo, a Terramicina(r não deve ser utilizada na aquicultura, pois é altamente tóxica e causa risco de intoxicação ambiental aos organismos teste.

  13. Insuficiencia respiratoria aguda

    OpenAIRE

    Gutiérrez Muñoz, Fernando R.

    2010-01-01

    La función respiratoria básica es el intercambio gaseoso de oxígeno y dióxido carbono; lo que implica un perfecto equilibrio y control entre los componentes del sistema respiratorio. a insuficiencia respiratoria aguda (IRA) es la incapacidad del sistema respiratorio de cumplir su función básica, que es el intercambio gaseoso de oxígeno y dióxido de carbono. Basic respiratory function is gas exchange of oxygen and carbon dioxide, which implies a perfect balance and control between the compo...

  14. Estudo comparativo, prospectivo e randomizado do resultado de duas formas de tratamento clínico das lesões ligamentares primárias agudas e graves do tornozelo

    OpenAIRE

    Marcelo Pires Prado

    2013-01-01

    Objetivo: Este trabalho tem como objetivo a avaliação dos resultados funcionais, e da incidência da instabilidade articular mecânica, resultantes do tratamento clínico das lesões ligamentares primárias, agudas e graves do tornozelo (associada a instabilidade articular). Esta lesão é extremamente frequente e acomete indivíduos jovens, economicamente e fisicamente ativos, causando prejuízos pessoais e econômicos importantes. Existe dificuldade no adequado diagnóstico e heterogeneidade na escolh...

  15. Manejo endovascular de la aorta torácica Endovascular treatment of thoracic aorta

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Juan G Barrera

    2006-10-01

    Full Text Available En comparación con el tratamiento convencional, la terapia endovascular en aneurisma de aorta torácica, presenta los mejores resultados, por lo que se convierte en el tratamiento de elección para la patología de aorta torácica descendente endovascular, por su baja morbimortalidad perioperatoria. El tratamiento quirúrgico por vía retroperitoneal y/o endovascular para aneurisma de aorta abdominal infrarrenal, resulta ser especialmente seguro en pacientes octogenarios o con alta morbilidad. Esta cohorte institucional presenta resultados perioperatorios y en el seguimiento, similares a los reportados en la literatura mundial.Compared with the conventional treatment, endovascular therapy in thoracic aortic aneurysm shows the best results, being the election treatment for the pathology of the descending thoracic aorta, due to its low peri-operative morbid-mortality. Surgical treatment by retro-peritoneal route and/or endovascular for infra-renal abdominal aortic aneurysm is especially safe in octogenarian patients or in those with a high mortality rate. This institutional cohort show peri-operative and follow-up results similar to those reported in the world literature.

  16. Manejo da hipertensão arterial na isquemia cerebral aguda Management of arterial hypertension in patients with acute ischemic stroke

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    WALTER JOSÉ FAGUNDES-PEREYRA

    1999-12-01

    Full Text Available OBJETIVO: Avaliar o nível de conhecimento dos médicos, através de sua conduta, em paciente com quadro de hipertensão arterial na fase aguda da isquemia cerebral. Também comentamos as principais condutas nesta fase, com ênfase na tensão arterial (TA. MÉTODO: Foram entrevistados 120 médicos da clínica médica e da cirurgia geral, em dez dos maiores Hospitais de Belo Horizonte, em 1997. Todos responderam a um questionário contendo um caso clínico de paciente hipertenso leve, admitido com quadro de isquemia cerebral e tensão arterial de 186x110 mmHg. Os profissionais deveriam optar por reduzir, aumentar ou manter a TA. RESULTADOS: Dos entrevistados, 38 (31,7% responderam que reduziriam os níveis tensionais, 82 (68,3% optaram pela manutenção e nenhum aumentaria (pPURPOSE: We aimed with study to assess the current clinical practice about the management of high blood pressure in patients in the acute phase of ischemic stroke. We also comment some topics of ischemic stroke treatment. METHODS: A case report of a patient admitted 8 hours after onset of ischemic stroke and with blood pressure of 186x110 mmHg was presented to 120 surgeons and clinician. They were asked to decide the best therapeutic option: to increase, decrease or maintenance blood pressure. RESULTS: Thirty-eight physicians (31,7% considered decreasing blood pressure the best therapeutics, 82 (68,3% considered maintenance and none decided to increase it (p < 0.05. There was no difference between the two specialties conduct. The physicians, with more than 10 years of graduation, had a tendency to decrease the blood pressure (p <0.05. CONCLUSION: The maintenance of blood pressure may present a sufficient blood support to compensate brain flow. A high percentage of the physicians (31,7% do not know about the current concepts of therapeutics considering hypertension in acute ischemic stroke. The development on special units to treat these patients ("stroke units" may eventually

  17. THE INFLUENCE OF AUTOLYSIS ON THE PROTEIN-PEPTIDE PROFILE OF Bos taurus AND Sus scrofa HEART AND AORTA TISSUES

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    I. M. Chernukha

    2016-01-01

    Full Text Available The article presents the results of autolytic processes impact on the protein-peptide profile of Bos taurus and Sus scrofa cardiac muscle and aorta. The results of tissue-specific protein identification are also presented as well as the effect of autolysis. Apolipoprotein A-1 involved in the formation of high-density lipoproteins, peroxiredoxin-1 involved in the suppression of oxidative stress, galectin-1 induced apoptosis of T-lymphocytes, as well as number of heat shock proteins with molecular weight less than 30 kDa were identified in Sus scrofa aorta tissue. It was discovered that functional proteins with molecular weight less than 30 kDa are retained during the freezing process, but destroyed under the action of autolytic enzymes. This work was supported by the Russian Science Foundation (project No. 16–16–10073.

  18. Apendicite aguda: achados na tomografia computadorizada - ensaio iconográfico Acute appendicitis: computed tomography findings - an iconographic essay

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marcelo Eustáquio Montandon Júnior

    2007-06-01

    Full Text Available A apendicite aguda é a causa mais comum de dor abdominal aguda que requer intervenção cirúrgica no mundo ocidental. O diagnóstico precoce é essencial para minimizar a morbidade da doença. O uso dos métodos de imagem significou grande avanço no diagnóstico desta entidade, até então avaliada apenas com base na história clínica, exame físico e dados laboratoriais, haja vista que 20% a 33% dos pacientes apresentam sintomas atípicos. O diagnóstico é mais difícil nas crianças, nos idosos e nas mulheres em idade fértil. Os principais métodos de imagem para sua avaliação são a ultra-sonografia e a tomografia computadorizada. Os objetivos deste trabalho são: descrever a fisiopatologia da doença, comentar os principais aspectos técnicos da tomografia computadorizada, demonstrar e ilustrar os achados tomográficos e citar os principais diagnósticos diferenciais.Acute appendicitis is the most important cause of abdominal pain requiring surgical intervention in the Western world. The early diagnosis of this disease is of paramount relevance for minimizing its morbidity. Imaging methods have represented a huge progress in the diagnosis of this entity, which used to be based essentially on clinical history, physical examination and laboratory tests results, considering that 20% to 33% of patients present with atypical symptoms. Diagnostic difficulty is higher in children, the elderly, and women in childbearing age. The main imaging methods for evaluation of acute appendicitis are ultrasound and computed tomography. The present study is aimed at describing the disease physiopathology, commenting main computed tomography technical aspects, demonstrating and illustrating tomographic findings, and describing main differential diagnoses.

  19. Transplante de células-tronco hematopoéticas em crianças e adolescentes com leucemia aguda: experiência de duas instituições Brasileiras Hematopoietic stem cell transplantation in children and adolescents with acute leukemia: experience of two Brazilian institutions

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Juliane Morando

    2010-01-01

    Full Text Available O transplante de células-tronco hematopoéticas (TCTH é o tratamento de escolha para leucemias agudas de alto risco. Apesar da melhora na sobrevida destes pacientes, a recidiva continua sendo a maior causa de óbito pós-transplante de células-tronco hematopoéticas. O objetivo deste trabalho foi analisar os resultados dos transplantes realizados em crianças com leucemia aguda em duas instituições brasileiras. Realizou-se estudo retrospectivo de 208 pacientes transplantados entre 1990-2007. Mediana de idade: 9 anos; 119 pacientes com leucemia linfoide aguda (LLA e 89 com leucemia mieloide aguda (LMA. Doença precoce: CR1 e CR2. Doença avançada: >CR3, doença refratária ou recidivada. Noventa pacientes vivos entre 258-6.068 dias (M:1.438, com sobrevida global (SG de 45% (3 anos e a sobrevida livre de recaída (SLR 39% (três anos. 14/195 pacientes tiveram falha primária de pega (8%. Não houve diferença na sobrevida global e sobrevida livre de recaída entre pacientes com leucemia linfoide aguda e leucemia mieloide aguda, entre transplantes aparentados e não aparentados, tampouco entre as fontes de células utilizadas. O desenvolvimento da doença do enxerto contra hospedeiro (DECH aguda ou crônica também não influenciou a sobrevida global e sobrevida livre de recaída. Pacientes com leucemia linfoide aguda condicionados com irradiação corporal total (TBI apresentaram melhor sobrevida global e sobrevida livre de recaída (pHematopoietic Stem Cell transplantation (HSCT is the treatment of choice for patients with high-risk leukemia. In spite of this, relapse remains a major cause of death of these patients. Our objective was to analyze the outcomes of patients with acute leukemia submitted to hematopoietic stem cell transplantation in two Brazilian institutions. A retrospective study of 208 patients transplanted between 1990 and 2007 with a median age of 9 years (range: 1-18 years was made. One hundred and nineteen patients had

  20. Efectividad de la magnetoterapia como tratamiento en pacientes con lumbalgia aguda

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Raidel González Rodríguez

    2015-05-01

    Full Text Available Son numerosos los pacientes aquejados de algias vertebrales, tanto lumbares como dorsales y cervicales. Se realizó esta investigación con el objetivo de determinar la efectividad de la magnetoterapia como tratamiento en la lumbalgia aguda, en pacientes atendidos en el policlínico universitario “Raúl Sánchez” de la provincia de Pinar del Río, Cuba. Se realizó un estudio descriptivo, prospectivo, de corte transversal en pacientes con lumbalgia aguda, pertenecientes a dicha área de salud. La muestra quedó conformada por 68 pacientes de ambos sexos con lumbalgia aguda, diagnosticados clínicamente y mayores de 17 años de edad. En la investigación predominó el sexo femenino (67,6 % y el rango de edad estuvo entre 40 y 49 años. El esfuerzo físico fue el principal factor desencadenante (47,1 %. Con el tratamiento de la magnetoterapia aplicado a los pacientes se redujeron los estadios del dolor. La mayoría de los pacientes presentaron una respuesta clínica excelente y mejoraron los síntomas entre los siete y diez días (61,8 %. No se reportaron efectos adversos. La magnetoterapia resultó efectiva en el tratamiento de pacientes aquejados de lumbalgia aguda

  1. Pancreatite aguda leve: avaliação pela ultra-sonografia. estudo prospectivo Mild acute pancreatitis: ultrasound evaluation: a prospective study

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Márcio Martins Machado

    2002-07-01

    Full Text Available Resumo Neste estudo foram avaliados, por meio da ultra-sonografia, 21 pacientes com pancreatite aguda leve. Foram analisadas a presença ou ausência de hipoecogenicidade do pâncreas e a presença ou ausência de líquido peripancreático. Em 19 pacientes (90,5% foi identificada hipoecogenicidade pancreática, e em três (15,8% destes pacientes foi identificada a presença de pequena quantidade de líquido na pequena cavidade dos epíploons. Em dois pacientes (9,5% não se identificou qualquer alteração pancreática. Com relação à possível etiologia da pancreatite aguda, em 15 pacientes (71,5% pôde-se demonstrar a presença de colecistopatia calculosa, em quatro pacientes (19,0% havia história de alcoolismo crônico e não foram identificados cálculos na vesícula biliar, e em dois pacientes (9,5% não foi identificada qualquer causa aparente. Os autores concluem que a ultra-sonografia pode identificar alteração na maioria dos pacientes com pancreatite aguda leve e permite, ainda, o acompanhamento daqueles com pequenas coleções líquidas peripancreáticas.We analyzed the ultrasonographic findings of 21 patients with mild acute pancreatitis. The presence or absence of pancreatic hypoechogenicity and peripancreatic fluid collection was assessed. Pancreatic hypoechogenicity was identified in 19 patients (90.5% whereas small sac fluid collection was identified in 3 (15.8% of these patients. No abnormality was seen in 2 patients (9.5%. Regarding the etiology of acute pancreatitis, cholelithiasis was identified in 15 patients (71.5%, alcohol abuse was identified in 4 patients (19.0%, and in 2 patients (9.5% no probable etiology could be found. The authors conclude that ultrasonography may identify abnormalities in the majority of patients with mild acute pancreatitis and can be used to assess patients with peripancreatic fluid collections.

  2. Insuficiência aórtica aguda por avulsão de comissura valvar aórtica

    OpenAIRE

    Cunha,Claudio Ribeiro da; Santos,Paulo César; Atik,Fernando Antibas; Conti,Daniel Oliveira de

    2012-01-01

    Paciente do sexo masculino, de 66 anos, previamente hipertenso, com história de ortopneia, palpitações e dor precordial de início súbito, que teve o diagnóstico de avulsão espontânea de uma comissura valvar aórtica e consequente insuficiência aórtica aguda, evoluindo com insuficiência cardíaca esquerda refratária ao tratamento clínico. O paciente foi submetido precocemente à substituição cirúrgica da valva aórtica por uma bioprótese, e apresentou evolução pós-operatória satisfatória. Atualmen...

  3. Priming previne a insuficiência renal aguda nefrotóxica através da estimulação do mecanismo de defesa antioxidante

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fernanda Duarte

    2016-06-01

    Full Text Available RESUMO Introdução: Priming é um mecanismo de proteção induzida pela exposição anterior de uma célula ou órgão a baixas ou mesmas concentrações de uma substância tóxica. Objetivo: analisar o mecanismo de priming induzido pela exposição a gentamicina em células tubulares proximais humanas e na insuficiência renal aguda (IRA. Métodos: Células tubulares foram expostos a 2 mM de gentamicina durante 24 horas, enquanto ratos Wistar foram expostas a 40 mg/kg durante 3 dias. Depois de uma semana, as células foram expostas à mesma concentração durante 24h e os ratos durante dez dias. Os animais condicionados foram comparados com ratos controle e tratados com gentamicina durante 10 dias. Foram analisados parâmetros bioquímicos, o estresse oxidativo foi analisado por hidroperóxidos e proteínas carboniladas urinárias, enquanto a defesa antioxidante foi estudada pela atividade antioxidante do plasma e imunomarcação e atividade da catalase, superóxido dismutase, heme oxigenase-1 (HO-1 nos rins. Necrose, apoptose, proliferação e expressão da endotelina-1 (ET-1 e HO-1 foram estudadas em células. Resultados: o condicionamento dos animais inibiu o aumento da creatinina, ureia, excreção urinária de sódio e de proteína induzida por gentamicina. Bosentana, antagonista do receptor ET-1, e hemin, indutor de HO-1, potencializaram a inibição. O mecanismo de proteção foi mediado pela indução de enzimas antioxidantes HO-1, catalase e SOD atividade e redução do estresse oxidativo. O condicionamento inibiu a morte celular e induziu a proliferação via produção de ET-1. Conclusão: o mecanismo de condicionamento é persistente e multifactorial, o estímulo da defesa antioxidante poderia mimetizar o processo de condicionamento e impedir a IRA.

  4. Avaliação dos efeitos miorelaxante, antiespasmódico e antinociceptivo do extrato aquoso da Phoradendron piperoides (Kunt. Trel. (Viscaceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Kellyane S. Dias

    Full Text Available Foram investigados os efeitos miorelaxante, antiespasmódico e antinociceptivo do extrato aquoso liofilizado das folhas da Phoradendron piperoides. A toxicidade aguda também foi avaliada. No íleo isolado de cobaio, o extrato aquoso da P. piperoides (0,05 - 2,0 mg/mL produziu relaxamento de forma concentração-dependente (IC50 = 0,114 mg/mL e, na concentração de 1,5 mg/mL, reduziu a amplitude das contrações induzidas por carbacol (2 µM, histamina (2 µM e BaCl2 (0,03 M em 46,6; 38,6 e 55,3% (p < 0,001, respectivamente. Em camundongos, o extrato aquoso liofilizado (100-400 mg/kg não reduziu de forma significativa as contorções abdominais induzidas por ácido acético, não modificou o tempo de reação dos animais no teste da formalina e não aumentou o tempo de latência ao calor no teste da placa quente. No ensaio de toxicidade aguda utilizado, não foi detectada a morte de nenhum animal após tratamento com doses de até 5 g/kg (p.o. do extrato. Em conclusão, os resultados obtidos indicam que o extrato aquoso da P. piperoides apresenta efeito antiespasmódico e baixa toxicidade aguda. O extrato, no entanto, não possui efeito antinociceptivo.

  5. Extended replacement of the thoracic aorta.

    Science.gov (United States)

    Hino, Yutaka; Okada, Kenji; Oka, Takanori; Inoue, Takeshi; Tanaka, Akiko; Omura, Atsushi; Kano, Hiroya; Okita, Yutaka

    2013-01-01

    We present our experience of total aortic arch replacement. Twenty-nine patients (21 males and 8 females; mean age 63.3 ± 13.3 years) with extended thoracic aortic aneurysms underwent graft replacement. The pathology of the diseased aorta was non-dissecting aneurysm in 11 patients, including one aortitis and aortic dissection in 18 patients (acute type A: one, chronic type A: 11, chronic type B: six). Five patients had Marfan syndrome. In their previous operation, two patients had undergone the Bentall procedure, three had endovascular stenting, one had aortic root replacement with valve sparing and 12 had hemi-arch replacement for acute type A dissection. Approaches to the aneurysm were as follows: posterolateral thoracotomy with rib-cross incision in 16, posterolateral thoracotomy extended to the retroperitoneal abdominal aorta in seven, mid-sternotomy and left pleurotomy in three, anterolateral thoracotomy with partial lower sternotomy in two and clam-shell incision in one patient. Extension of aortic replacement was performed from the aortic root to the descending aorta in 4, from the ascending aorta to the descending aorta in 17 and from the ascending to the abdominal aorta in eight patients. Arterial inflow for cardiopulmonary bypass consisted of the femoral artery in 15 patients, ascending aorta and femoral artery in seven, descending or abdominal aorta in five and ascending aorta in two. Venous drainage site was the femoral vein in 10, pulmonary artery in eight, right atrium in five, femoral artery with right atrium/pulmonary artery in four and pulmonary artery with right atrium in two patients. The operative mortality, 30-day mortality and hospital mortality was one (cardiac arrest due to aneurysm rupture), one (rupture of infected aneurysm) and one (brain contusion), respectively. Late mortality occurred in three patients due to pneumonia, ruptured residual aneurysm and intracranial bleeding. Actuarial survival at 5 years after the operations was 80.6

  6. Serie de 8 casos de parotiditis supurada aguda neonatal

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Manuel Díaz Álvarez

    Full Text Available La parotiditis supurada aguda es una infección poco frecuente en la práctica del pediatra y neonatólogo. El objetivo es mostrar nuestra experiencia en la atención de serie de casos con parotiditis supurada aguda en el período neonatal, y describir sus características de presentación. Se presentan los hallazgos clínicos en 8 pacientes con parotiditis supurativa neonatal, quienes estuvieron ingresados en el Servicio de Neonatología del Hospital Pediátrico Universitario "Juan Manuel Márquez", durante el período de 22 años (desde el año 1992 hasta el año 2013, y se contrasta con los reportes publicados en la literatura internacional. Las características de presentación de la parotiditis aguda supurada de nuestros casos concuerdan con la literatura revisada en muchos aspectos, y se demuestra que es, además, una infección poco frecuente en el período neonatal. Es la primera publicación sobre esta entidad en neonatos en Cuba, y la mayor serie de casos en el ámbito latinoamericano.

  7. Coarctation of the aorta

    International Nuclear Information System (INIS)

    Gogova, T.; Janev, I.

    2015-01-01

    Full text: Coarctation of the aorta is a congenital malformation representing a zone of strong narrowing of the aortic lumen, leading to impaired blood flow. In 90% of cases it affects isthmus vessel - the part between the separation of the left Ater subclavian and ductus arteriosus and it is often combined with other congenital heart defects and occurs more frequently in males. A case of juvenile isthmus type coarctation of the aorta at a young woman suffering from long hard to control hypertension, with intermittent discomfort in precordium and heart murmur is presented. Upon receipt of the patient a conventional radiography of organs in the chest front projection, which establishes a typical disease finding is carried out. After that a noninvasive computer-tomography angiography of the thoracic aorta, with CT Siemens Definition AS with a slice thickness 5 mm, subsequent reconstruction of 0,75 mm and postreconstruction were conducted. CT angiography study demonstrates the pathological constriction, the state of the aorta before and after constriction as well as the rich collateral vasculature of the intercostal and internal thoracic arteries. The available 3D reconstructions and postprocessing have been supported the establishment of optimal preoperative plan. The patient was subjected to surgery with vessel recovery and at the moment the patient is with excellent postoperative results

  8. Diameter of the thoracic and abdominal aorta in healthy Japanese

    International Nuclear Information System (INIS)

    Matsunaga, Wakako

    1989-01-01

    In 300 cases, diameter of thoracic and abdominal aorta in healthy Japanese is measured by computed tomography (CT) and the values are analyzed in relation to the age, sex and the level of the aorta on CT scan. Aorta becomes dilated with age. In female diameter of the aorta is correlated with age, on the other hand, diameter of those is not correlated with age in male. Diameter in male is larger than in female. Aorta tapers off and the ratio of tapering of the thoracic aorta is more prominent than that of the abdominal aorta. Therefore the calculations of the landmarks of tapering of the aorta and the ratio of diameter of the aorta to transverse diameter of the vertebral body at the levels of 10th thoracic and 3rd lumber vertebrae on CT scan are useful for judgement of normal range of diameter of the aorta. Calcifications of the wall of the aorta are seen initially at the age of 5th decade in the abdominal aorta and 6th decade in the thoracic aorta in healthy Japanese. They are noted in almost of the persons after the age of seventy years old. The presence of calcification is not correlated with diameter of the aorta at the same level on CT scan. (author)

  9. Leucemia mieloide aguda versus ocupação profissional: perfil dos trabalhadores atendidos no Hospital de Hematologia de Recife

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Queliane Gomes da Silva Carvalho

    2011-12-01

    Full Text Available O estudo objetivou conhecer o perfil dos trabalhadores em faixa etária economicamente ativa admitidos de 1997 a 2007 em hospital de hematologia com diagnóstico de leucemia mieloide aguda (LMA; verificar as profissões com maior prevalência entre os trabalhadores atendidos que foram a óbito e identificar os riscos ocupacionais compatíveis com o aparecimento da LMA nas profissões prevalentes. Estudo exploratório de natureza quantitativa. A maior parte dos perfis caracterizou-se por ser procedente do agreste e da região metropolitana do estado, do sexo masculino, pertencente à raça branca e com grau de escolaridade fundamental incompleto. As ocupações de maior destaque foram aquelas relacionadas à agricultura e ao trabalho doméstico, sendo as substâncias químicas utilizadas no processo de trabalho de ambas, de acordo com a literatura, possíveis fatores envolvidos no desencadeamento da patologia.

  10. Tratamento cirúrgico postergado da pancreatite aguda biliar

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rodrigo Altenfelder Silva

    Full Text Available A análise do tratamento cirúrgico de doentes portadores de pancreatite biliar mostra a existência de controvérsias em relação à oportunidade da intervenção, principalmente se deve ser precoce ou postergada. Do mesmo modo, a possibilidade do emprego de procedimentos endoscópicos no pré, intra ou pós-operatório e o advento da videolaparoscopia, trouxeram novos aspectos à discussão. Não existe consenso sobre a escolha da melhor conduta. Em função disso, analisamos retrospectivamente os resultados imediatos de 107 doentes portadores de forma leve de pancreatite, todos com menos de três sinais de gravidade, segundo o critério de estratificação proposto por Ranson, e que foram submetidos ao tratamento cirúrgico postergado na mesma internação, no período de janeiro de 1988 a maio de 1999, tanto por via convencional como por via laparoscópica. Desses, 80 doentes (75% eram do sexo feminino, 90% da raça branca e a média de idade foi de 46 anos. Os doentes foram operados em média após 9,5 dias de internação e receberam alta hospitalar após 2,9 dias, o que resultou numa permanência hospitalar média de 12,6 dias. A colangiografia intra-operatória foi realizada em 102 casos (96% e a colangiografia endoscópica pré-operatória em 24 doentes (22,4%. Os resultados mostraram incidência de coledocolitíase em 25 casos (23%, taxa de morbidade de 12% e mortalidade nula. Dos 107 casos estudados, 64 (60% foram operados pela via de acesso convencional e 43 (40% pela via laparoscópica. A comparação dos resultados entre as vias de acesso empregadas mostrou diferença estatística significante em relação ao intervalo de tempo pós-operatório, que foi menor nos doentes submetidos à via de acesso laparoscópica. Concluímos, assim, que o tratamento cirúrgico postergado de doentes portadores de pancreatite biliar na forma leve apresenta baixas morbidade e mortalidade e pode ser feito tanto pela via convencional como pela via

  11. Resposta de fase aguda e níveis séricos de magnésio em pacientes hospitalizados

    OpenAIRE

    Cunha,D. F. da; Bianco,M. de P.; Lenza,R. da M.; Cunha,S. F. de C. da

    1999-01-01

    OBJETIVO: A resposta de fase aguda (RFA), caracteriza-se por proteólise, com hipotrofia da massa celular corporal, hiperglicemia, retenção hídrica e disfunção renal, fenômenos que potencialmente afetam os níveis de magnésio (Mg++) sérico. O objetivo do estudo foi comparar os níveis séricos de Mg++ entre pacientes hospitalizados, com ou sem RFA. MÉTODOS: Obteve-se um banco de dados do mainframe do Hospital-Escola contendo informações sobre dosagens bioquímicas simultâneas de creatinina, glicos...

  12. Incidencia de la enfermedad diarreica aguda en menores de cinco años

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Mayelín Ávila Labrada

    2015-05-01

    Full Text Available La enfermedad diarreica aguda es motivo frecuente de consulta pediátrica, representando un problema grave de salud pública. Los agentes infecciosos son causa frecuente de diarrea aguda. Se realizó un estudio descriptivo, retrospectivo sobre la prevalencia de la enfermedad diarreica aguda en menores de cinco años, atendidos en la clínica “Simón Bolívar” en la ciudad de Mariara del municipio Diego Ibarra, Carabobo, Venezuela; en el periodo comprendido entre enero de 2008 y diciembre de 2012, lo cual ofreció información de cinco años completos. La prevalencia de la enfermedad diarreica aguda disminuyó significativamente en el intervalo 2009-2011, sin embargo, se caracterizó por tener la mayor prevalencia en los años extremos, 2012 y 2008, por ese orden. Los varones y los del grupo de uno a cuatro años fueron los que más incidieron en cada uno de los años estudiados

  13. Proteína C reactiva e gravidade da bronquiolite aguda C Reactive protein and disease severity in bronchiolitis

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    S Costa

    2009-01-01

    Full Text Available O diagnóstico de bronquiolite aguda é essencialmente clínico. A utilidade de exames laboratoriais, em particular do doseamento da proteína C reactiva (PCR, não está bem estabelecida. O objectivo deste trabalho foi avaliar a relação entre o valor da PCR e os marcadores indirectos de gravidade em doentes com diagnóstico de bronquiolite. Foram incluídos no estudo todos os doentes admitidos no Serviço de Pediatria do HSJ durante o ano de 2006 e que tiveram como diagnóstico principal bronquiolite, tendo sido feita uma revisão retrospectiva do processo clínico desses doentes. Foram incluídos 176 doentes com idades compreendidas entre zero e 36 meses (mediana de 4 meses; 63,1% eram do sexo masculino. O doseamento da PCR tinha sido efectuado em 94,3% dos doentes, com valores compreendidos entre zero e 256mg/L e com mediana de 11 mg/L. O valor da PCR, na população estudada, apresentou uma relação estatisticamente significativa com a admissão em unidade de cuidados intensivos (UCI (p=0,008, a duração do internamento hospitalar (p=0,025 e a necessidade de oxigenoterapia (p=0,022. Desta forma, este trabalho coloca a hipótese de o valor de PCR poder ser um marcador de gravidade e ter significado prognóstico em doentes com bronquiolite. Mais estudos são necessários para validar estes resultados e esclarecer se existe uma relação real entre as variáveis estudadas ou se esta é produzida pelo efeito confundidor de outras infecções.A diagnosis of bronchiolitis is made clinically and the use of supportive laboratory examinations, including the quantification of C reactive protein (CRP, is not well established. The aim of this study was to evaluate the correlation between CRP value and indirect markers of disease severity in patients with bronchiolitis. This study included the patients diagnosed with bronchiolitis admitted to the Pediatrics Department of S. João Hospital in 2006. A retrospective review was made through analysing

  14. Notas sobre apendicitis aguda

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Martín Méndez S.

    1933-04-01

    apendicitis aguda y sin embargo, es necesario decirlo claro, nada hay tan complicado y en ocasiones tan oscuro. Sin duda, a medida que los conocimientos clínicos se extienden, se va iluminando el campo, antes inexplorado, de la cirugía apendicular, y hoy día casi todos los médicos y cirujanos tienen un criterio científico muy bien formado para lograr hacer un buen diagnóstico y aconsejar o llevar a cabo una intervención quirúrgica.

  15. Hepatitis viral aguda

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Héctor Rubén Hernández Garcés

    1998-10-01

    Full Text Available Se realizó una revisión bibliográfica de las hepatitis virales agudas sobre aspectos vinculados a su etiología. Se tuvieron en cuenta además algunos datos epidemiológicos, las formas clínicas más importantes, los exámenes complementarios con especial énfasis en los marcadores virales y el diagnóstico positivoA bibliographical review of acute viral hepatitis was made taking into account those aspects connected with its etiology. Some epidemiological markers, the most important clinical forms, and the complementary examinations with special emphasis on the viral markers and the positive diagnosis were also considered

  16. Tratamiento endoluminal de la aorta. Implicaciones en la enfermedad de la aorta torácica

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Miguel Josa García-Tornel

    2007-10-01

    Full Text Available Durante los últimos años el tratamiento quirúrgico endoluminal de la enfermedad de la aorta (EVAR, endovascular aortic repair se ha convertido en una opción terapéutica en un espectro amplio de pacientes. EVAR es una técnica relativamente fácil, menos agresiva y con aparente menor riesgo con respecto a la cirugía convencional de la aorta. La evidente presión de la industria, a menudo combinada con el lógico interés por su desarrollo por parte de muchos grupos clínicos y el factor moda, tan en boga en nuestros tiempos, han dado a la cirugía endoluminal de la aorta abdominal un desarrollo muy rápido que se está extendiendo en la actualidad a segmentos de la aorta torácica. Aunque los resultados publicados parecen avalar un papel importante de EVAR en algunos grupos específicos de pacientes, su uso en muchos otros grupos es muy controvertido. Su alto coste y los resultados a medio plazo parecen poner en tela de juicio la tendencia a la generalización que existe hoy día. La aplicación a la aorta torácica está asociada con un mayor número de interrogantes. Estudios rigurosos y mejoras técnicas ayudarán, sin duda, a definir mejor su indudable aplicabilidad en el tratamiento de la aorta tanto abdominal como torácica, pero en la actualidad su uso debe estar regulado por un cumplimiento estricto de indicaciones basadas en evidencias clínicas y alejadas de otros intereses, y su práctica debe reducirse a grupos de multiespecialidad preparados en todos los aspectos de la cirugía cardiovascular.

  17. Algunas observaciones sobre la apendicitis aguda en los niños

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luis Piñeros Suárez

    1940-03-01

    Full Text Available La apendicitis aguda en los niños, presenta actitudes particulares que diferencian de la apendicitis aguda del adulto y que vienen a formar grupos clínicos casi exclusivamente de la infancia. De una manera general, las formas más graves, las formas fulminantes de la apendicitis aguda se encuentran especialmente en la infancia y en estas formas graves llama poderosamente la atención, la falta de relación entre los signos clínicos observados y la importancia de las lesiones encontradas en el apéndice y el peritoneo, pues en los niños con signos de intensidad media y sin que se hayan presentado los síntomas que en el adulto caracterizan las formas graves de apendicitis, podemos encontrar en las operaciones practicadas en las primeras 24 a 36 horas, peritonitis generalizadas, formas de apendicitis gangrenosas, que no son frecuentes en el adulto y mucho menos en un lapso de tiempo tan corto.

  18. A utilização da solução natural de eucalipto nas nebulizações, como auxiliar nos tratamentos das infecções respiratórias agudas: (IRA

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ana Tania Lopes Sampaio Alves

    1992-09-01

    Full Text Available Em um total de 4.625 consultas médicas à criança menor de 5 anos, durante um período de 7 meses, foram diagnosticados 936 casos de infecções respiratórias agudas (20,2%. Estudou-se algumas características clínicas e fatores de risco mais comumente encontradas em cada tipo catalogado de IRA. O mais freqüente sintoma foi o desconforto respiratório moderado. O presente trabalho tem por objetivo relatar a experiência vivenciada em Macaíba/RN (F.SESP, relacionada à adaptação do uso da solução natural de eucalipto manipulada pela equipe de enfermagem em substituição às convenientemente utilizadas, ou seja, as soluções farmacológicas, em Inalações de crianças com IRA.

  19. Participação do Mycoplasma pneumoniae na etiologia de infecções respiratórias agudas em Ribeirão Preto, São Paulo, Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Alcyone A. Machado

    1991-03-01

    Full Text Available Para avaliar a participação etiológica do Mycoplasma pneumoniae em infecções respiratórias agudas, o isolamento dessa bactéria foi tentado em secreções do aparelho respiratório de 64 pacientes (média 24 anos com quadro respiratório aguda Foi realizada, também, a pesquisa de anticorpos específicos anti-M. pneumoniae através da reação de fixação do complemento (FC e da reação de contra-imunoeletroforese (CIE. O M. pneumoniae não foi isolado. O diagnóstico presuntivo de infecção pelo M. pneumoniae foi feito pela FC em 3,1% (2/64 e pela CIE em 1,6% (1/64 dos pacientes. Paralelamente, em 200 indivíduos sadios, os mesmos testes sorológicos foram realizados, sendo o índice de positividade de 4% (8/200 pela CIE e de 1% (2/200 pela FC. Apesar das aiscrepâncias observadas entre os dois métodos sorológicos, a FC parece ser indicada para diagnóstico da infecção, sendo a CIE recomendada nas avaliações soroepidemiológicas. Com base nos dados do nosso estudo, a prevalência das infecções respiratórias pelo M. pneumoniae parece ser baixa em nosso meio.

  20. Intoxicação experimental aguda por samambaia (Pteridium aquilinum em bovinos Experimental acute poisoning by bracken fern (Pteridium aquilinum in cattle

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Bruno L. Anjos

    2009-09-01

    Full Text Available Este experimento foi delineado para investigar os seguintes pontos em relação à intoxicação aguda por samambaia (Pteridium aquilinum em bovinos: 1 a intensidade da trombocitopenia em diferentes momentos da intoxicação e sua relação com possíveis déficits na hemostasia secundária, 2 a relação da neutropenia com as manifestações morfológicas de septicemia ocasionalmente observadas na necropsia, e 3 o mecanismo da anemia e sua relação com a perda de sangue, a vida média eritróide e a evolução da doença. As hastes superiores mais verdes de P. aquilinum foram administradas a quatro bovinos sem raça definida, com idade média de 1,5 ano e pesos entre 190-215 kg. Um bovino de idade e peso semelhantes foi usado como controle e, exceto por não ter recebido P. aquilinum, foi mantido nas mesmas condições que os outros quatro. Os quatro bovinos que receberam a planta morreram com quadro característico da intoxicação aguda por samambaia após receberem durante 53-58 dias, doses diárias de 8,0, 8,6, 10,2 e 10,6g/kg de peso corporal, que totalizaram, ao final do experimento, respectivamente, 112,7, 107,6, 85,7, 90,15 kg da planta, o que corresponde, respectivamente, a 59,3%, 63,3%, 47,4%, 47,5% da planta em relação ao peso dos bovinos. A doença caracterizou-se por febre de até 42,5°C e diversos graus de hemorragias observadas clinicamente, na necropsia e na histopatologia. A morte ocorria 6-7 dias após o início do quadro febril. As alterações hematológicas revelaram trombocitopenia e neutropenia acentuadas. Em dois dos quatro bovinos havia anemia leve. Não houve variações significativas nos tempos de coagulação dos bovinos intoxicados, quando avaliados os fatores de coagulação (secundária, excluindo-se assim a possibilidade da participação de distúrbios da hemostasia secundária na patogênese das hemorragias nessa intoxicação. A determinação dos produtos da degradação da fibrina no soro revelou dados

  1. Tracheal replacement by autogenous aorta.

    Science.gov (United States)

    Anoosh, Farhad; Hodjati, Hossain; Dehghani, Seifollah; Tanideh, Nader; Kumar, Perikala V

    2009-06-09

    Tracheal defects may occur after trauma or prolonged intubation. Resection of tracheal tumors also poses a major challenge for substitution. In an effort to solve this problem, different techniques have been tried with little success. We report on a new animal model which showed acceptable results with fewer complications. We replaced 5 cm of cervical trachea in 10 dogs with harvested infra-renal aorta and repaired the aortic defect with Dacron graft. Necropsy of the grafted aorta and anastomotic site revealed well healed anastomosis in all animals together with ciliated columnar epithelium coverage of grafted aorta and neovascularization of aortic wall. Aortic graft is preferable to other substitutes because of less antigenicity, less vascularity, and no mucous secretions or peristalsis.

  2. Progressão de policitemia Vera para leucemia mieloide aguda

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marcelo Gil Cliquet

    2016-10-01

    Full Text Available Introdução: A Policitemia Vera (PV é um distúrbio clonal caracterizado pela hiperplasia de células hematopoiéticas, com acúmulo de eritrócitos, leucócitos e plaquetas. A mutação pontual JAK2 V617F parece ser o evento inicial da doença, presente em mais de 95% dos pacientes. Com a evolução da doença, há risco de progressão para leucemia mieloide aguda/ síndrome mielodisplásica (LMA/SMD. A transformação leucêmica pode ser espontânea em razão da idade, estágio da doença, estado imunológico ou associada com a terapia citoredutora, principalmente quando se usa alquilantes. Objetivo: Relatar o caso e um paciente com diagnóstico de PV há 19 anos com evolução para LMA há 8 meses. Métodos: As informações foram obtidas por meio de revisão do prontuário, entrevista com o paciente, registro fotográfico de exames e revisão da literatura. Relato: Paciente masculino, 81 anos, hipertenso, teve diagnóstico de PV em 1997, segundo critérios da OMS. No hemograma, concentração de hemograma(Hb de 18,2 g/dl, Heritrócito de 58,5%, leucócitos(leuc = 18.100/mm3 e plaquetas(plt = 64.800/mm3. Apresentava esplenomegalia a 4cm do rebordo costal esquerdo, fraqueza, cansaço e edema em membros inferiores. Paciente foi tratado com Hydroxiureia. O exame molecular de sangue periférico, em 2013, constatou a presença de mutação JAK2 (Val617Phe. Em Março de 2016, apresentou leuc de 86.400/mm3, plt de 152.000, Hb de 10,4g/dl. A imunofe- notipagem confirmou diagnóstico de LMA e o tratamento com Aracytin 20mg SC por sete dias foi iniciado. O paciente evoluiu com piora do estado geral, fraqueza, e infecção em membro inferior, vindo a falecer. Conclusão: Deve- se lembrar sobre a possibilidade da evolução da PV para LMA, mesmo em pacientes em tratamento por longos períodos em uso de hidroxiureia.

  3. Otomastoidite Aguda em Criança

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    João Araújo

    2017-09-01

    Full Text Available Criança de 2 anos, sexo masculino, diagnóstico de otite média aguda bilateral, medicada inicialmente com amoxicilina + clavulanato 90 mg/kg/dia desde há 7 dias, internada por agravamento do quadro à esquerda, com edema e eritema retroauricular, apagamento do sulco retroauricular [...] Recebido: 07/09/2015 · Aceite: 7/01/2016

  4. Importância da detecção das mutações no gene FLT3 e no gene NPM1 na leucemia mieloide aguda - Classificação da Organização Mundial de Saúde 2008 Importance of detecting FLT3 and NPM1 gene mutations in acute myeloid leukemia -World Health Organization Classification 2008

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marley Aparecida Licínio

    2010-01-01

    Full Text Available As leucemias mieloides agudas (LMA constituem um grupo de neoplasias malignas caracterizadas pela proliferação descontrolada de células hematopoéticas, decorrente de mutações que podem ocorrer em diferentes fases da diferenciação de células precursoras mieloides. Em 2008, a Organização Mundial da Saúde (OMS-2008 publicou uma nova classificação para neoplasias do sistema hematopoético e linfoide. De acordo com essa classificação, para um diagnóstico mais preciso e estratificação de prognóstico de pacientes com leucemias mieloides agudas, devem-se pesquisar mutações nos genes FLT3 e NPM1. Sabe-se que a presença de mutações no gene FLT3 é de prognóstico desfavorável e que as mutações no gene NPM1 do tipo A são de prognóstico favorável. Assim, nos países desenvolvidos, a análise das mutações no gene FLT3 e NPM1 tem sido considerada como um fator de prognóstico importante na decisão terapêutica em pacientes com diagnóstico de leucemias mieloides agudas. Considerando essas informações, é de extrema importância a análise das mutações no gene FLT3 (duplicação interna em tandem - DIT - e mutação pontual D835 e no gene NPM1 como marcadores moleculares para o diagnóstico, o prognóstico e a monitoração de doença residual mínima em pacientes com leucemias mieloides agudas.Acute myeloid leukemia (AML is a group of malignancies characterized by uncontrolled proliferation of hematopoietic cells resulting from mutations that occur at different stages in the differentiation of myeloid precursor cells. In 2008, the World Health Organization (WHO-2008 published a new classification for cancers of the hematopoietic and lymphoid system. According to this classification, FLT3 and NPM1 gene mutations should be investigated for a more precise diagnosis and prognostic stratification of AML patients. It is well known that the presence of FLT3 gene mutations is considered an unfavorable prognostic factor and type

  5. Leucemia congénita aguda Acute congenital leukemia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Nilvia Esther González García

    2011-06-01

    Full Text Available La leucemia aguda durante el período neonatal es poco frecuente de evolución rápida y pronóstico sombrío. Sus características clínicas y biológicas difieren de las encontradas en niños de mayor edad, y su inicio se caracteriza por afectación cutánea, hepatoesplenomegalia, hiperleucocitosis e infiltración del sistema nervioso central. Se han observado pacientes con formas tanto mieloides como linfoides, pero la leucemia mieloide aguda parece predominar en esta etapa de la vida. Se presenta el caso de un paciente con leucemia congénita clasificada morfológicamente, con aparición de manifestaciones clínicas de enfermedad hematológica desde el nacimiento y diagnóstico de leucemia linfoblástica aguda congénita.Acute leukemia during neonatal period is not frequent, of a fast course and gloomy prognosis. Its clinical and biological features differ of that present in older children and it onset is characterized by cutaneous affection, hepatosplenomegaly, hyperleukocytosis and infiltration of central nervous system (CNS. There are patients presenting with myeloid and lymphoid types, but the acute leukemia seems to predominate in this stage of life. This is the case of a patient with acute leukemia morphologically classified, with appearance of clinical manifestations of hematologic disease from birth and a diagnosis of congenital acute lymphoblastic leukemia.

  6. Análise da correlação entre síndrome de pseudo-exfoliação e aneurisma de aorta abdominal Analysis of correlation between pseudoexfoliation syndrome and aneurysm of the abdominal aorta

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Paulo de Tarso Ponte Pierre Filho

    2004-06-01

    Full Text Available OBJETIVO: Examinar a correlação sugerida entre síndrome de pseudo-exfoliação e aneurisma de aorta abdominal. MÉTODOS: Sessenta e cinco pacientes recentemente operados por aneurisma de aorta abdominal e 51 controles com aterosclerose periférica, sem aneurisma, submeteram-se ao exame oftalmológico sob dilatação pupilar para investigar a presença de síndrome de pseudo-exfoliação. RESULTADOS: Não houve diferenças estatisticamente significantes entre a média de idade, distribuição por sexo e raça entre os 2 grupos (p > 0,05. Dois dos 65 pacientes com aneurisma de aorta e um dos 51 controles apresentaram síndrome de pseudo-exfoliação (p = 1,00. CONCLUSÃO: A prevalência de síndrome de pseudo-exfoliação em pacientes operados por aneurisma de aorta abdominal e em pacientes com aterosclerose periférica foi similar. Este achado não confirma a associação proposta entre síndrome de pseudo-exfoliação e aneurisma de aorta abdominal.PURPOSE: To investigate the suggested association between pseudoexfoliation syndrome and aneurysm of the abdominal aorta. METHODS: 65 patients recently operated for abdominal aortic aneurysm and 51 controls with peripheral atherosclerosis, without aneurysm, underwent an ophthalmologic examination under pupillary dilatation to detect the presence of pseudoexfoliation syndrome. RESULTS: There were no significant differences regarding mean age and distribution by gender and race between the groups (p > 0.05. Two of 65 patients with aortic aneurysm and one of 51 controls presented pseudoexfoliation syndrome (p = 1.00. CONCLUSION: The prevalence of pseudoexfoliation syndrome in patients operated for abdominal aortic aneurysm and in patients with peripheral atherosclerosis were similar. This finding does not support the proposed association between pseudoexfoliation syndrome and abdominal aortic aneurysm.

  7. Estudo longitudinal do eletrocardiograma na doença de Chagas desde a fase aguda

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Roberto C. Pedrosa

    1993-09-01

    Full Text Available Vários trabalhos com eletrocardiograma na doença de Chagas têm sido feitos. Alguns referindo-se a grupos selecionados de casos, outros a estudos longitudinais, relatam as características da mortalidade nas diversas fases da doença. Com o objetivo de avaliar o valor do eletrocardiograma como índice de avaliação terapêutica e de seu comportamento na doença de Chagas desde a fase aguda, no presente trabalho, analisou-se evolutivamente o eletrocardiograma de 42 pacientes (18 mulheres e 24 homens procedentes da zona rural do Norte de Minas Gerais; predomínio etário foi nas duas primeiras décadas; todos com comprometimento cardíaco; todos receberam tratamento específico. O acompanhamento dos 42 pacientes foi de 9 anos dos quais 3 pacientes tiveram seguimento de 20 anos. Foram analisados 270 eletrocardiogramas. Nós utilizamos os seguintes critérios para a análise do ECG: código de Minnesota modificado para doença de Chagas; WHO/I. S. F. C. TASK FORCE para condução intraventricular e critérios de Pieretti para área eletricamente inativa. Concluímos que as alterações eletrocardiográficas agravam com a evolução da doença e que o eletrocardiograma não serve de índice de avaliação terapêutica.

  8. Associação dos níveis de citocinas no pós-transplante de células-tronco hematopoiéticas com a Doença do Enxerto Contra o Hospedeiro aguda Association of cytokine levels with acute graft versus host disease following full match allogeneic stem cell transplantation

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Jeane E. L. Visentainer

    2005-09-01

    Full Text Available Este estudo foi realizado para investigar se os níveis séricos de sIL-2R, TNF-alfa, IFN-gama, IL-6, IL-10 e TGF-beta1 estavam associados com o desenvolvimento de DECH (Doença do Enxerto Contra o Hospedeiro aguda. Os níveis de citocinas foram seqüencialmente mensurados por Elisa em 13 pacientes que haviam sido submetidos ao transplante alogênico de células progenitoras hematopoiéticas. Os níveis de sIL-2R e IL-10 da 1ª a 15ª semanas pós-transplante foram significativamente maiores no grupo que desenvolveu DECH aguda que naquele sem a doença. Os níveis de sIL-2R aumentaram em direta correlação com a pega do enxerto e ao tempo do DECH aguda, enquanto os níveis de IL-10 aumentaram transitoriamente pós-transplante. A média da concentração de TNF-alfa nas primeiras semanas após o transplante foi maior no grupo que desenvolveu DECH aguda. Além disso, uma queda dos níveis de TGF-beta1 após a pega esteve significativamente associada à DECH aguda. Nenhuma correlação foi encontrada entre DECH aguda e as outras citocinas investigadas. Estes resultados suportam a idéia de que um balanço entre as citocinas derivadas de linfócitos T auxiliadores do tipo 1 e 2 pode ser importante no desenvolvimento e controle da DECH aguda. Embora os níveis de sIL-2R, TNF-alfa, IL-10 e TGF-beta1 tenham sido correlacionados com a DECH aguda, os níveis de sIL-2R ao tempo da pega podem prover um melhor parâmetro para a detecção precoce de DECH aguda após o transplante alogênico.This study was performed to investigate whether the serum levels of sIL-2R, TNF-alpha, IFN-gamma, IL-6, IL-10, and TGF-beta1 are associated with the development of acute GVHD. Serum cytokine levels were sequentially measured by sandwich Enzyme Linked-Immuno-Sorbent Assay (Elisa in 13 patients who had received full match allogeneic stem cell transplantation. Serum sIL-2R and IL-10 levels from the 1st to the 15th week post transplantation were significantly higher in the

  9. Human Aorta Is a Passive Pump

    Science.gov (United States)

    Pahlevan, Niema; Gharib, Morteza

    2012-11-01

    Impedance pump is a simple valveless pumping mechanism that operates based on the principles of wave propagation and reflection. It has been shown in a zebrafish that a similar mechanism is responsible for the pumping action in the embryonic heart during early stages before valve formation. Recent studies suggest that the cardiovascular system is designed to take advantage of wave propagation and reflection phenomena in the arterial network. Our aim in this study was to examine if the human aorta is a passive pump working like an impedance pump. A hydraulic model with different compliant models of artificial aorta was used for series of in-vitro experiments. The hydraulic model includes a piston pump that generates the waves. Our result indicates that wave propagation and reflection can create pumping mechanism in a compliant aorta. Similar to an impedance pump, the net flow and the flow direction depends on the frequency of the waves, compliance of the aorta, and the piston stroke.

  10. Tracheal replacement by autogenous aorta

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Anoosh Farhad

    2009-06-01

    Full Text Available Abstract Background Tracheal defects may occur after trauma or prolonged intubation. Resection of tracheal tumors also poses a major challenge for substitution. In an effort to solve this problem, different techniques have been tried with little success. We report on a new animal model which showed acceptable results with fewer complications. Methods We replaced 5 cm of cervical trachea in 10 dogs with harvested infra-renal aorta and repaired the aortic defect with Dacron graft. Results Necropsy of the grafted aorta and anastomotic site revealed well healed anastomosis in all animals together with ciliated columnar epithelium coverage of grafted aorta and neovascularization of aortic wall. Conclusion Aortic graft is preferable to other substitutes because of less antigenicity, less vascularity, and no mucous secretions or peristalsis

  11. Empleo de las prótesis compuestas en el tratamiento del arco aórtico distal

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Carlos-A. Mestres, FETCS

    2009-09-01

    Full Text Available La cirugía de la aorta intratorácica sigue siendo un reto quirúrgico. La disección aguda y los aneurismas del cayado aórtico y la aorta toracoab-dominal tienen riesgos relacionados con la presentación clínica y la técnica quirúrgica, la cual exige tiempos prolongados y la necesidad de modificar temporalmente la circulación cerebral y medular. El tratamiento del arco aórtico exige con frecuencia un abordaje en dos tiempos con las ventajas e inconvenientes que ello representa. La introducción en clínica de endoprótesis integradas que persiguen el tratamiento simultáneo en un solo tiempo de la aorta intratorácica puede representar un cambio conceptual en ciertas situaciones, como la disección aguda de aorta. La acumulación de experiencia clínica y el análisis cuidadoso de los datos disponibles pueden aportar información crítica en un futuro no lejano.

  12. Atuação dos enfermeiros na dor aguda torácica: Revisão integrativa

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Joao Carlos Alves dos Santos

    2016-12-01

    Full Text Available A dor torácica é uma queixa comum nos serviços de saúde e os enfermeiros devem estar preparados para o primeiro atendimento bem como o cuidado de maior duração nas unidades especializadas ou não para o atendimento integral. Objetivou-se analisar a produção da literatura nacional sobre a realidade da ação do enfermeiro na dor torácica aguda sugestiva de síndrome coronariana aguda nos serviços de saúde. O trabalho trata-se de uma revisão integrativa realizada na base de dados da Literatura Latino-Americana e do Caribe em Ciências da Saúde (LILACS no portal eletrônico da Biblioteca Virtual em Saúde (BVS. Utilizaram-se os descritores em português. Selecionaram-se publicações no corte temporal, de 2011 à 2016. Foram sistematizados por intermédio de um instrumento, seguido de leitura com análise textual, temática e interpretativa dos dados. Encontraram-se ao todo 359 produções científicas. Todavia, apenas 10 estudos foram selecionados e revisados conforme os critérios de inclusão. A maioria das produções fizeram apontamentos assinalando proposições ou lacunas sobre as contri­buições de sua pesquisa para literatura. Identificou-se que dentro da atuação do enfermeiro frente à síndrome coronariana aguda destacam-se o cuidado sistematizado individualizado; conhecimento sobre exames e medicações e aspectos de relação do paciente com o agravo cardíaco na perspectiva individual, socioeconômica e psicológica. Existem poucas produções nos últimos anos em detrimento da enorme relevância do tema e por se um tema constantemente atualizado. Vários domínios da enfermagem, em especial das atividades do enfermeiro, ainda não foram discutidas na literatura sobre a realidade do profissional com o tema abordado. Entretanto, a presente revisão integrativa pôde contribuir para a ampliação e disseminação de conhecimentos referentes à questão pesquisada, servindo de fonte de informação.The work of nurses in

  13. Morphological description of collateral branches from the abdominal aorta of lesser anteater (Tamandua tetradactyla

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Breno Costa Macedo

    2013-03-01

    Full Text Available Tamandua tetradactyla, Xenarthra, is a native species from South America which, due to the few number of studies on its biology, still has many unknown aspects in its morphology. Taking into account the importance of morphological data for various studies, this paper aimed to elucidate the branching of the abdominal aorta in this species to foster the development of further studies. To do this, 4 specimens were used, 2 male and 2 female, all young, from the Bauxite Mine – Paragominas, Para, Brazil, donated after death due to running over to the Animal Morphology Research Laboratory (LaPMA of Universidade Federal Rural da Amazonia (UFRA. The arterial system was filled with contrasted latex and the animals were fixed in a formaldehyde solution (10%, and then dissected, in order to evidence the abdominal aorta and its collateral branches. The parietal branches consisted of 1 pair of caudal phrenic arteries, 2 pairs of intercostal arteries, and 3 pairs of lumbar arteries. Among the visceral branches, stood out: celiac artery; cranial mesenteric artery; adrenal arteries; renal arteries; caudal mesenteric artery; and external, internal, and median sacral iliac arteries, formed from the final portion of the abdominal aorta. Testicular and ovarian arteries originated from the renal arteries, differing from that described in various species.

  14. The normal distribution of thoracoabdominal aorta small branch artery ostia

    International Nuclear Information System (INIS)

    Cronin, Paul; Williams, David M.; Vellody, Ranjith; Kelly, Aine Marie; Kazerooni, Ella A.; Carlos, Ruth C.

    2011-01-01

    The purpose of this study was to determine the normal distribution of aortic branch artery ostia. CT scans of 100 subjects were retrospectively reviewed. The angular distributions of the aorta with respect to the center of the T3 to L4 vertebral bodies, and of branch artery origins with respect to the center of the aorta were measured. At each vertebral body level the distribution of intercostal/lumbar arteries and other branch arteries were calculated. The proximal descending aorta is posteriorly placed becoming a midline structure, at the thoracolumbar junction, and remains anterior to the vertebral bodies within the abdomen. The intercostal and lumbar artery ostia have a distinct distribution. At each vertebral level from T3 caudally, one intercostal artery originates from the posterior wall of the aorta throughout the thoracic aorta, while the other intercostal artery originates from the medial wall of the descending thoracic aorta high in the chest, posteromedially from the mid-thoracic aorta, and from the posterior wall of the aorta low in the chest. Mediastinal branches of the thoracic aorta originate from the medial and anterior wall. Lumbar branches originate only from the posterior wall of the abdominal aorta. Aortic branch artery origins arise with a bimodal distribution and have a characteristic location. Mediastinal branches of the thoracic aorta originate from the medial and anterior wall. Knowing the location of aortic branch artery ostia may help distinguish branch artery pseudoaneurysms from penetrating ulcers.

  15. Impacto da mortalidade da doença da aorta torácica no estado de São Paulo no período de 1998 a 2007

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ricardo Ribeiro Dias

    2013-12-01

    Full Text Available FUNDAMENTO: Ainda não foram analisadas as características epidemiológicas das doenças da aorta torácica (DAT no estado de São Paulo e no Brasil, assim como o seu impacto na sobrevida desses pacientes. OBJETIVOS: Avaliar o impacto da mortalidade das DAT e caracterizá-la epidemiologicamente. MÉTODOS: Análise retrospectiva dos dados do Sistema Único de Saúde para os códigos de DAT do registro de internações, de procedimentos e dos óbitos, a partir do Código Internacional de Doenças (CID-10, registrados na Secretaria de Saúde do Estado de São Paulo durante o período de janeiro de 1998 a dezembro de 2007. RESULTADOS: Foram 9.465 óbitos por DAT, 5.500 homens (58,1% e 3.965 mulheres (41,9%; 6.721 dissecções (71% e 2.744 aneurismas, 86,3% diagnosticados no IML. Foram 6.109 internações, 67,9% do sexo masculino, sendo que 21,2% evoluíram a óbito (69% homens, com proporções semelhantes de dissecção e aneurisma entre os sexos, respectivamente 54% e 46%, porém com mortalidade distinta. Os homens com DAT morrem mais que as mulheres (OR = 1,5. A distribuição etária para óbitos e internações foi semelhante, com predomínio na sexta década. Foram 3.572 operações (58% das internações com mortalidade de 20,3% (os pacientes mantidos em tratamento medicamentoso apresentaram mortalidade de 22,6%; p = 0,047. O número de internações, de cirurgias, de óbitos dos pacientes internados e geral de óbitos por DAT foi progressivamente superior ao aumento populacional no decorrer do tempo. CONCLUSÕES: Atuações específicas na identificação precoce desses pacientes, assim como a viabilização do seu atendimento, devem ser implementadas para reduzir a aparente progressiva mortalidade por DAT imposta à nossa população.

  16. Computational modeling of blood flow in the aorta--insights into eccentric dilatation of the ascending aorta after surgery for coarctation.

    Science.gov (United States)

    Szopos, Marcela; Poussineau, Nicole; Maday, Yvon; Canniffe, Carla; Celermajer, David S; Bonnet, Damien; Ou, Phalla

    2014-10-01

    To assess whether combining a computational modeling technique with data from patient magnetic resonance imaging studies can detect different fluid dynamics and vascular biomechanical properties of the ascending and horizontal aorta in patients with angulated "gothic" arch geometry compared with those with normal "Romanesque" arch geometry after aortic coarctation repair. Advanced computational fluid dynamics techniques (coupled Navier-Stokes and elastodynamics equations) were used to predict the fluid-wall interactions in large arteries. We modeled the fluid dynamics and shear stress in the ascending and horizontal aorta in cases of "gothic" arch and normal "Romanesque" aortic arch geometry. A total of 30 patients after aortic coarctation repair prospectively underwent 3-dimensional magnetic resonance imaging angiography of the thoracic aorta. Measurements of the ascending and horizontal aorta were assessed using multiplanar reformatting images. Our computational model demonstrated that wall shear stress is greater in those with an angulated "gothic" aortic arch than in those with a "Romanesque" arch. In particular, wall shear stress affected the anterior and posterior segments of the ascending aorta and the inferior and superior segments of the horizontal aorta (vs the left and right segments). In vivo, a "gothic" arch was associated with dilatation of the ascending and horizontal aorta, which was eccentric rather than concentric (Pgothic" aortic arch after repair of coarctation. This suggests that patients with an angulated "gothic" aortic arch might warrant increased surveillance for aortic complications. Copyright © 2014 The American Association for Thoracic Surgery. Published by Elsevier Inc. All rights reserved.

  17. Esofagitis necrosante aguda: análisis retrospectivo Acute esophageal necrosis: a retrospective case series

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    R. Ramos

    2008-09-01

    Full Text Available Introducción: la esofagitis necrosante aguda es una entidad rara. Se reconoce por el aspecto negro difuso del esófago a la endoscopia. Su incidencia e patogénesis se desconoce. Pacientes y métodos: se analizaron retrospectivamente 11 pacientes con esofagitis necrosante aguda desde el punto de vista de los datos clínicos, de laboratorio y endoscopicos en 2 años. Resultados: se analizaron las endoscopias realizadas a 3.976 pacientes, observándose esofagitis necrosante aguda en 11 pacientes. El estado nutricional era malo en 6 pacientes. La resolución completa de la esofagitis se observó en cuatro pacientes. Durante el seguimiento se observó una estenosis en un paciente y un nuevo episodio de esofagitis necrosante aguda en otro paciente. Siete pacientes fallecieron, pero esta elevada mortalidad parece deberse a las enfermedades de base y no es atribuible a las lesiones de la esofagitis necrosante. Conclusiones: la incidencia de esofagitis necrosante aguda en nuestra serie fue 0,28%. La esofagitis necrosante aguda tiene una elevada mortalidad.Background: acute esophageal necrosis has been considered a rare event. It is defined as the presence of diffuse dark pigmentation of the esophagus on upper endoscopy. Its incidence has not yet been established. The pathogenesis remains unknown. Patients and methods: a retrospective analysis of clinical, laboratory, endoscopic, and histological data, and of the clinical course of 11 patients with acute necrotizing esophagitis was carried out over a 2-year period. Results: among 3,976 patients who underwent upper endoscopy, 11 (0.28% with acute esophageal necrosis were identified. Nutritional status was poor for 6 patients. Complete resolution of acute esophageal necrosis without further recurrence was observed in 4. One stricture appeared during follow-up and other patient developed new-onset acute esophageal necrosis. Seven patients died, but no death was directly related to acute esophageal necrosis

  18. Is subdiaphragmatic aortic cross-clamping a suitable model for spinal cord ischemia/reperfusion injury study in rats? O pinçamento sub-diagragmático da aorta é um modelo adequado para o estudo da lesão medular de isquemia/reperfusão em ratos?

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Sonia Elizabeth Lopez Carrillo

    2006-08-01

    Full Text Available PURPOSE: To evaluate the efficacy of subdiaphragmatic aortic cross-clamping in an experimental model of ischemia/reperfusion injury of the spinal cord in albino rats. METHODS: Thirty-six male Wistar rats were randomized in two groups (n=18: G-1 (Sham and G-2 (Ischemia/Reperfusion, I/R. G-2 rats were submitted to 30 min subdiafragmatic aortic cross-clamping. G-1 rats served as controls and were submitted to surgical trauma (laparotomy without ischemia. Samples (spinal cord and arterial blood were collected at the end of ischemic period and 10 (T-10 and 20 (T-20 min later in G-2 rats. Sham rats (G-1 samples were collected at the same time-points. Blood and tissue metabolites concentrations of pyruvate, lactate, glucose and medullary adenosine triphosphate (ATP were assayed. RESULTS: Blood and tissue concentrations of pyruvate and glucose as well as lactate and medullary ATP were not different when comparing G1 to G2. Lactacemia was significantly elevated in G-2 compared with G-1 rats during reperfusion (T-10. CONCLUSION: Subdiaphragmatic aortic cord cross-clamping is not a suitable rat model for spinal cord ischemia/reperfusion injury study as it does not ensure changes in in vivo tissue metabolites concentrations similar to those found in tissues subjected to ischemia/reperfusion.OBJETIVO: Avaliar a eficácia do pinçamento da aorta subdiafragmática no modelo experimental de isquemia/reperfusão da medula espinhal em ratos. MÉTODOS: Trinta e seis ratos Wistar, machos, foram aleatoriamente distribuídos em 2 grupos (n=18 e submetidos ao pinçamento subdiafragmático da aorta, durante 30 minutos (Grupo-2 -Isquemia/Reperfusão. Os ratos do Grupo-1 (G-1 - Sham foram utilizados como controles e submetidos a laparotomia sem pinçamento arterial. As amostras (medula e sangue arterial foram coletadas ao término do período de isquemia (T-0 e 10 (T-10 e 20 (T-20 minutos mais tarde e nos mesmos intervalos, no grupo G-1. As concentrações teciduais e

  19. Impactos de adoecimento de longa duração: experiência de adultos jovens com Leucemia Mieloide Aguda

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Reni Aparecida Barsaglini

    Full Text Available Resumo O presente artigo analisa os impactos materiais e imateriais imersos na experiência de adultos jovens com um adoecimento de longa duração – Leucemia Mieloide Aguda. Decorre de pesquisa mais ampla, inspirada na Fenomenologia de Alfred Schutz. Os dados foram obtidos por entrevistas em profundidade com quatro jovens, de 20 a 28 anos, em fase de manutenção no tratamento oncológico, entre novembro de 2013 a janeiro de 2014, em Mato Grosso. Os resultados enfocam aspectos marcantes dos impactos na experiência como o processo de descoberta da enfermidade em que o diagnóstico provocou sentimentos mobilizados por ideias sobre uma doença grave. Seguem-se os impactos na aparência devidos ao tratamento, sobressaindo a queda de cabelo e as estratégias cotidianas de enfrentamento, bem como o aumento ou a perda de peso. Por fim, é marcante o impacto da iminência da morte diante da letalidade da doença e o testemunho da ocorrência em pessoas conhecidas, colocando-a como possibilidade concreta para si, mas também como sobreviventes. Os impactos são os efeitos e as transformações na vida das pessoas e seu entorno e evocam (re ações, contudo, diluem-se na experiência compondo-a, e não sendo homogênea, sua abordagem privilegia a singularidade inscrita em biografias contextualizadas.

  20. Intoxicaciones agudas en pediatría

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Yalena Prado Vizcaíno

    2011-12-01

    Full Text Available Introducción: las intoxicaciones han sido en los últimos años una importante causa de aumento de la morbilidad y mortalidad en edades pediátricas. Objetivo: determinar el comportamiento clínico de las intoxicaciones agudas en la etapa de enero de 2005 a diciembre de 2009 en el Hospital Pediátrico "William Soler". Métodos: el estudio se realizó en el Hospital "William Soler". Se revisaron las historias clínicas, los registros de intoxicaciones agudas y las tarjetas de codificación de egresos hospitalarios por intoxicaciones de los pacientes llegados al hospital en esta etapa. Resultados: se recibieron en el hospital 886 pacientes. El grupo de mayor frecuencia de intoxicaciones fue el de 1 a 5 años, con predominio del sexo masculino, aunque sin diferencias significativas con respecto al sexo femenino. Las intoxicaciones más frecuentes fueron por medicamentos, fundamentalmente psicofármacos y antibióticos, seguido por alimentos y por productos químicos del hogar. El 30,2 % de los casos fueron ingresados. Conclusiones: estos resultados nos hacen pensar en la necesidad de estar alertas y crear acciones encaminadas a proteger o evitar las intoxicaciones en edades tan vulnerables.

  1. Use of tacrolimus in rescue therapy of acute and chronic rejection in liver transplantation Uso de tacrolimus na terapia de resgate de rejeições agudas e crônicas no transplante de fígado

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fabricio Ferreira Coelho

    2003-01-01

    Full Text Available PURPOSE: To study the indications and results of tacrolimus as rescue therapy for acute cellular or chronic rejection in liver transplantation. PATIENTS AND METHODS: Eighteen liver transplant recipients who underwent rescue therapy with tacrolimus between March 1995 and August 1999 were retrospectively studied. The treatment indication, patients, and graft situation were recorded as of October 31st, 1999. The response to tacrolimus was defined as patient survival with a functional graft and histological reversal of acute cellular, or for chronic rejection, bilirubin serum levels decreasing to up to twice the upper normal limit. RESULTS: Fourteen cases (77.8% presented a good response. The response rate for the different indications was: (1 acute cellular + sepsis - 0/1 case; (2 recurrent acute cellular - 1/1 case; (3 OKT3-resistant acute cellular - 2/2 cases; (4 steroid-resistant acute cellular + active viral infection - 3/3 cases; (5 chronic rejection - 8/11 cases (72.7% response rate. The 4 patients who did not respond died. CONCLUSION: Tacrolimus rescue therapy was successful in most cases of acute cellular and chronic rejection in liver transplantation.OBJETIVO: Estudar os critérios de indicação e o resultado do uso de tacrolimus na terapia de resgate de rejeições agudas ou crônicas no transplante de fígado. CASUÍSTICA E MÉTODO: Foram estudados 18 pacientes transplantados de fígado, submetidos a terapia de resgate com tacrolimus entre março de 1995 e agosto de 1999. Foram registradas a indicação do tratamento e a situação de pacientes e enxertos em 31/10/1999. Considerou-se "respondendores" pacientes vivos, com enxerto funcionante e regressão histológica da terapia de resgate de rejeições agudas, ou com bilirrubina até 2 vezes o valor normal, no caso de terapia de resgate de rejeições crônicas. RESULTADO: Observou-se resposta em 14 casos (77,8%. A taxa de resposta nas diferentes indicações foi: (1 terapia de resgate

  2. Pré-condicionamento isquêmico e monitorização da função medular na abordagem da aorta torácica descendente Ischemic preconditioning and spinal cord function monitoring in the descending thoracic aorta approach

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Bernardo Assumpção de Mônaco

    2007-03-01

    Full Text Available OBJETIVOS: Avaliar a eficácia do pré-condicionamento isquêmico (PI agudo, guiado por potenciais evocados somatossensoriais (PESS, como método de proteção medular em cães e analisar o valor dos PESS na monitorização da função medular. MÉTODOS: Foram utilizados 28 cães submetidos à isquemia medular obtida pelo pinçamento da aorta torácica descendente. No grupo C45, o tempo de oclusão aórtica foi de 45 min (n = 7; no grupo PI45, os cães foram submetidos ao PI antes do pinçamento aórtico por 45 min (n = 7. No grupo C60, os cães foram submetidos a 60 min de oclusão aórtica (n = 7 e no grupo PI60, os cães foram submetidos ao PI, seguido pelo pinçamento aórtico por 60 min. Os ciclos de PI foram determinados pelas alterações dos PESS. RESULTADOS: Os índices de Tarlov dos grupos pré-condicionados foram significativamente melhores que os dos grupos de controle (p = 0,005. Observou-se paraplegia em três cães do C45 e em seis do C60, enquanto todos os cães do PI45 permaneceram neurologicamente normais, assim como quatro do grupo PI60. Houve correlação entre o tempo de recuperação dos PESS após a reperfusão aórtica e o estado neurológico pós-operatório (p = 0,011, com sensibilidade e especificidade de 0,75 e 0,83, respectivamente. CONCLUSÃO: O PI agudo repetitivo, baseado na monitorização do PESS, induziu proteção à isquemia medular causada pelo pinçamento aórtico prolongado. A monitorização do PESS parece ser um bom método de detecção precoce do comprometimento isquêmico medular.OBJECTIVES: To evaluate the effectiveness of acute ischemic preconditioning (IP, based on somatosensory evoked potentials (SSEP monitoring, as a method of spinal cord protection and to asses SSEP importance in spinal cord neuromonitoring. METHODS: Twenty-eight dogs were submitted to spinal cord ischemic injury attained by descending thoracic aorta cross-clamping. In the C45 group, the aortic cross-clamping time was 45 min (n

  3. Estado nutricional como fator prognóstico em crianças portadoras de Leucemia Linfocítica Aguda

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Borim Leila N. B.

    2000-01-01

    Full Text Available Com o objetivo de conhecer a frequência de desnutrição proteico-calórica ao diagnóstico e avaliar a sua importância na evolução clínica de crianças portadoras de Leucemia Linfocítica Aguda, com idades inferiores a quinze anos, estudamos trinta e oito crianças com Leucemia Linfocítica Aguda e sem tratamento prévio, atendidas no Hospital de Base de São José do Rio Preto-SP, no período de Setembro/89 a Dezembro/97. Entre as crianças, 63,2% eram do sexo masculino e 36,8% do sexo feminino (1,7:1,0, a faixa etária predominante foi de cinco a nove anos (44,8%, seguida daquela entre um e quatro anos (36,8%, superscript three 10 anos (10,5% e menores de um ano (7,9%. Ao diagnóstico, 52,7% eram eutróficos e 47,3% desnutridos (escore Z. Os índices nutricionais avaliados foram peso/estatura, estatura/idade e peso/idade e 21%, 34,2% e 31,5% deles, respectivamente, estavam abaixo da normalidade. Foi observada uma alta frequência de desnutrição ao diagnóstico. Porém, na avaliação do estado nutricional, entre os pacientes vivos e não-vivos, a presença de desnutrição não foi estatisticamente significativa. Este estudo reforçou a evidência da necessidade de estabelecer uma rotina de avaliação nutricional ao diagnóstico, bem como, a presença de um profissional especializado em nutrição, numa unidade de oncologia pediátrica.

  4. Bases moleculares de las leucemias agudas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    G. Martínez Antuña

    2006-04-01

    Full Text Available El gran desarrollo de la biología molecular en los últimos años ha contribuido a un importante avance en los conocimientos relacionados con las bases moleculares de las leucemias agudas (LA. Ademas de profundizar en la biología de estas enfermedades y conocer las bases moleculares, ha renido también gran impacto en mejorar el resultado de los tratamientos y disminuir la toxicidad de las terapias.

  5. Controvérsias no manejo farmacológico da asma aguda infantil Controversies in the pharmacological management of acute asthma in children

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Sérgio Luís Amantéa

    2002-12-01

    Full Text Available Objetivos: apresentar uma revisão acerca de questões controversas, relativas ao manejo farmacológico utilizado nos pacientes pediátricos portadores de asma aguda. Fontes dos dados: foram utilizadas informações de artigos publicados em revistas científicas nacionais e internacionais, selecionadas das bases de dados Lilacs e Medline. Síntese dos dados: o artigo foi estruturado em tópicos, apresentando aspectos consensuais no tratamento farmacológico da asma infantil. Questões relacionadas à utilização de inaladores dosimetrados versus nebulizadores, o papel das drogas ß2-adrenérgicas utilizadas pela via endovenosa, bem como das metilxantinas e do sulfato de magnésio, são abordados de maneira crítica. Conclusões: os ß2-agonistas administrados pela via inalatória, associados aos coricosteróides, permanecem o tratamento de eleição para episódios agudos de asma na população pediátrica. Tanto os nebulizadores quanto os inaladores dosimetrados, acoplados a espaçadores, são efetivos para alívio dos sintomas agudos. Pacientes refratários ao tratamento convencional, que evoluem para quadros de asma aguda grave, devem ter considerada a utilização de drogas ß2-agonistas pela via endovenosa, desde que adequadamente monitorizados. Quanto às metilxantinas e ao sulfato de magnésio, devem ser considerados alternativas secundárias para pacientes selecionados.Objective: to present a review of controversial issues related to the pharmacological management of the treatment of acute asthma in children. Sources: articles published in national and international scientific journals. Data were selected from Lilacs and Medline databases. Summary of the findings: the article was organized into topics, presenting aspects on which there is consensus regarding the pharmacological treatment of asthma in children. Issues related to the use of metered dose inhaler versus nebulizers, the role of ß2-adrenergic drugs administered intravenously

  6. Fístula bilio-duodenal pós colecistite aguda: Relato de caso

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marina Araújo Fonte Boa

    2016-12-01

    Full Text Available As fístulas biliares internas espontâneas são comunicações estabelecidas entre qualquer segmento da árvore biliar e dos órgãos abdominais. Elas constituem uma afecção rara apesar de compreender uma complicação da colecistite, patologia freqüente da prática cirúrgica. As fístulas bilioentericas ocorrem em 3-5% dos doentes com colelitíase, sendo 68% destas bilioduodenais. O objetivo desse manuscrito é relatar um caso de fístula bilioduodenal complicada com hemobilia e hemorragia digestiva, descrevendo a conduta adotada. Os dados foram coletados entre dezembro/2015 a abril/2016 através da analise de prontuário fornecido pelo Hospital Universitário Sul Fluminense (HUSF. Trata-se de um paciente masculino, 75 anos, atendido no HUSF-Vassouras/RJ com diagnóstico sindrômico de abdome agudo inflamatório por colecistite aguda, submetido a tratamento conservador para regressão da inflamação peri-colecística, diminuindo assim, o risco de lesões iatrogênicas da árvore biliar em posterior cirurgia. Evoluiu com melena, que foi investigada por endoscopia digestiva alta onde foi observada úlcera de bulbo duodenal com drenagem de secreção purulenta pela sua luz; e tomografia computadorizada de abdome que evidenciou presença de aerobilia indicando presença de fístula bileodigestiva. O tratamento conservador consistiu-se em antibioticoterapia e reposição volêmica, optado devido à remissão do quadro de colecistite após desobstrução pela fístula, devido à hemorragia que cessou espontaneamente e também pelo risco da realização do procedimento cirúrgico em paciente idoso com intensa resposta inflamatória sistêmica. Não é comum na literatura médica a ocorrência de fístulas biliodigestivas com sinais e sintomas hemorrágicos. O quadro clínico geralmente é inespecífico e frequentemente atrasado devido à falta de sinais e sintomas patognomônicos.

  7. The effect of acute and chronic exposure to ethanol on the developing encephalon: a review Os efeitos da exposição aguda e crônica ao etanol sobre o desenvolvimento do encéfalo: uma revisão

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Tales Alexandre Aversi-Ferreira

    2008-09-01

    Full Text Available OBJECTIVES: to compare the acute and chronic effects of ethanol on the neural development, by analysis of the ontogenetic neural structure of mammals. METHODS: searches were performed in the following electronic databases: MEDLINE, SciElo, PubMed, LILACS, CAPES periodical, and the Open Journal System. The descriptors used were: "chronic ethanol toxicity", "chronic alcohol toxicity", "acute ethanol toxicity", "acute alcohol", "neural ontogenic development", "neuronal migration disturbances", "neural structure". The following inclusion criteria were used: articles published between 2003 and 2007, some classic articles in the field and an important neuropsychology textbook. RESULTS: the analysis of papers revealed that, although several studies of the chronic effects of ethanol exposure on the mammalian nervous system have been conducted, only a few have investigated the acute effects of ethanol on specific days of gestation, and these studies have revealed important disorders relating to the cerebral tissue. CONCLUSIONS: it should be recommended that women refrain from the consumption of ethanol during gestational phase to protect the fetus' health. Furthermore, the acute consumption of ethanol by women nearing the eighth or ninth week of gestation has been shown to be potentially harmful to the nervous tissue of the fetus.OBJETIVOS: comparar os efeitos agudo e crônico do etanol sobre o desenvolvimento do sistema nervoso através da análise da estrutura ontogênica neural dos mamíferos. MÉTODOS: pesquisas foram feitas nas bases eletrônicas: MEDLINE, SciElo, PubMed, LILACS, CAPES periodical, Open Journal System. Os descritores usados foram: "toxidade crônica ao etanol", "toxidade crônica ao álcool", "toxicidade aguda ao etanol", "toxicidade aguda ao álcool", "desenvolvimento ontogênico neural", "distúrbios da migração neuronal", "estrutura neural".Foram considerados critérios de inclusão: artigos publicados no periódo de 2003 e 2007

  8. Modificação técnica na cirurgia da estenose aórtica supravalvar Technical modifications in the surgery of supravalvar aortic stenosis

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Magaly Arrais dos Santos

    1996-12-01

    Full Text Available Com o objetivo de evitar complicações de reestenose da aorta na evolução tardia dos pacientes submetidos ao tratamento cirúrgico da estenose supravalvar aórtica localizada, provocada por calcificação e enrijecimento de material protético utilizado para ampliação de um ou mais seios de Valsalva, com ou sem secção transversal da aorta, desenvolvemos, de outubro de 1991 a dezembro de 1995, uma modificação técnica, que, sem utilização de enxertos artificiais, apenas com tecido sadio da aorta ascendente, permite ampliação adequada da porção inicial da aorta. Neste período, foram operados 10 pacientes, com diagnóstico clínico e hemodinâmico de estenose supravalvar aórtica localizada. As idades variaram de 11 meses a 38 anos (m = 13,2 anos, o peso variou de 7,500 kg a 56 kg (m = 29,1 kg e a altura variou de 72 cm a 1,68 m (m = 1,5 m. Seis pacientes eram do sexo masculino. Três eram assintomáticos, 4 tinham dispnéia, 2 cansaço aos esforços, 2 palpitações, 1 parestesia de membros inferiores e 1 cianose ao choro. Seis pacientes eram portadores de síndrome de Williams. O gradiente sistólico entre a cavidade livre do ventrículo esquerdo e aorta variou de 50 mmHg a 100 mmHg (m = 73,5. Os pacientes foram operados com auxílio de circulação extracorpórea, hipotermia moderada, cardioplegia cristalóide, nos 7 primeiros casos, e cardioplegia sangüínea nos 3 últimos. A aorta ascendente foi amplamente dissecada até os vasos da base. Após a transecção total da aorta e ressecção do tecido fibrótico estenosante, realizamos incisões longitudinais do bordo da porção proximal da aorta até o fundo dos seios de Valsalva; a seguir, foram feitas incisões longitudinais na porção distai, nas regiões correspondentes aos postes comissurais, de maneira que cada prolongamento da aorta distai ampliasse um fundo de seio de Valsalva, obtendo uma aorta inicial de aspecto anatômico e dimensões normais.Atualmente, com um per

  9. Mecanismos de proteção induzidos pela imunização com TgHSP70 e de controle da inflamação pelo tratamento com STAg na infecção por Toxoplasma gondii

    OpenAIRE

    Barenco, Paulo Victor Czarnewski

    2015-01-01

    Toxoplasma gondii é um parasita intracelular obrigatório que apresenta diversos antígenos capazes de modular a resposta imune. Neste trabalho, visamos estudar dois antígenos imunomoduladores através do pré-tratamento para fase aguda e de imunização para fase crônica da infecção. O primeiro objetivo foi estudar o papel do antígeno solúvel de taquizoítas (STAg) nas células epiteliais para controle da inflamação intestinal durante a infecção aguda por T. gondii. Foi demonstrado que o tratamento ...

  10. Efeitos da intoxicação por lítio sobre a locomoção de ratos em um modelo animal de insuficiência renal aguda cirurgicamente induzido

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Bittencourt José Augusto Ferreira

    2001-01-01

    Full Text Available INTRODUÇÃO: O lítio é um metal usado sob a forma de sal para tratamento de episódios agudos de mania e no controle profilático de desordens afetivas bipolares. Pacientes com algum grau de insuficiência renal podem rapidamente sofrer intoxicação por esse fármaco. Nosso objetivo foi verificar a influência da litemia na locomoção em um modelo animal cirurgicamente induzido de insuficiência renal aguda (IRA. MÉTODOS: Foram submetidos 61 ratos Wistar a tratamento com lítio por uma semana previamente a nefrectomia unilateral. Trinta ratos foram induzidos a IRA. Foi administrado lítio ou solução fisiológica aos ratos e após observada sua locomoção e concentração de creatinina sérica. Utilizou-se análise estatítica. RESULTADOS: A creatina apresentou-se elevada nos ratos com IRA. A locomoção foi menor nos ratos com IRA que receberam lítio, havendo relação inversa entre a litemia e a atividade locomotora. CONCLUSÕES: O modelo animal cirúrgico de IRA foi efetivo. Ratos insuficientes renais que receberam lítio apresentaram alterações locomotoras comparados aos demais. O aumento da litemia causa diminuição proporcional na locomoção dos ratos.

  11. A sepse como causa de lesão renal aguda: modelo experimental

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Carolina Ferreira Pinto

    2012-10-01

    Full Text Available A sepse associada à falência de múltiplos órgãos como a lesão renal aguda (LRA demonstra alta taxa de mortalidade no paciente crítico. Este estudo investigou a LRA induzida pela sepse em modelo experimental. Foram utilizados ratos da raça Wistar, adultos e machos divididos nos seguintes grupos: Controle - controle cirúrgico e Sepse - indução da sepse pela ligadura e punção do cécon (LPC. Foram avaliados os parâmetros fisiológicos (temperatura retal, pressão arterial média - PAM, glicemia sérica e fluxo urinário; a função renal (clearance de creatinina; o estresse oxidativo (peróxidos urinários e substâncias reativas com ácido tiobarbitúrico - TBARS e realizada a análise histológica renal. O estudo conclui que a LRA induzida pela sepse caracteriza-se por lesão endotelial com disfunção hemodinâmica, liberação de mediadores inflamatórios e geração de espécies reativas de oxigênio (EROs por células tubulares, caracterizando-se como uma associação de vasoconstrição renal de origem hemodinâmica e inflamatória.

  12. Síndrome aguda do tórax como primeira manifestação de anemia falciforme em adulto

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    BOK YOO HUGO HYUNG

    2002-01-01

    Full Text Available A síndrome aguda do tórax (SAT acomete portadores de anemia falciforme e é responsável por cerca de 25% dos óbitos. Relata-se o caso de um homem pardo de 45 anos, alcoolista crônico, sem nenhum antecedente de falcização, com quadro de pneumonia-símile havia sete dias. A radiografia simples do tórax mostrou infiltrado heterogêneo bilateral, com áreas de consolidação e broncograma aéreo e derrame pleural à esquerda. Outros exames laboratoriais revelaram anemia, leucocitose com desvio à esquerda e hipoxemia. Tratado com cefoxitina e amicacina, o paciente evoluiu rapidamente para insuficiência respiratória aguda e morreu 14 horas após a internação. Na necropsia, no exame dos pulmões observaram-se intensa congestão, hemorragia intra-alveolar, dano alveolar difuso e hemácias com morfologia falciforme. O caráter rápido, progressivo e freqüentemente mimetizado por outras doenças torna a SAT um evento dramático e de diagnóstico precoce difícil, sendo, entretanto, obrigatória tê-la sempre em mente, especialmente em um país com grande população da raça negra como o Brasil.

  13. Evaluation of atherosclerotic change of the aorta by enhanced computed tomography

    International Nuclear Information System (INIS)

    Takasu, Junichiro

    1990-01-01

    Intimal atherosclerotic changes of the aorta were quantified by enhanced computed tomography (enhanced CT) and were examined in terms of their relation to other atherosclerotic characteristics, including calcification and aortic pulse wave velocity, diameter of the aorta, and arteriosclerotic risk factors. A total of 413 subjects were studied, consisting of normal volunteers and patients with cardiovascular diseases. Enhanced CT revealed the atheromatous intima as a projecting and thickened wall. Thus, the ratio of the intimal atherosclerotic change to the whole round was determined in various aortic sites. The diameter of the aorta decreased in accordance with the location from the ascending aorta to aortic ending. The diameter of the infrarenal abdominal aorta was 1.5 times larger than that of the ascending aorta, irrespective of age. The diameter of each region of the aorta increased with advancing age; in the age group of 70 years or older, it was 1.5 times larger that that in the age group of 40 years or younger. The intimal change was noted in the middle descending thoracic aorta and infrarenal abdominal aorta. It was proportional to an increase in the aortic pulse wave velocity, the diameter of the aorta, and the intimal calcification. Intimal changes of the aorta were increased in cerebrovascular disease, ischemic heart disease, arteriosclerosis obliterans, hypertension and diabetes mellitus. In particular, hypertension accompanied by diabetes mellitus or high cholesterolemia tended to accelerate the intimal change. In conclusion, aortic intimal changes, as detected on enhanced CT, is useful for the noninvasive diagnosis of arteriosclerosis. (N.K.)

  14. Quantificação morfométrica de Chlamydia pneumoniae e Mycoplasma pneumoniae em aneurismas de aorta abdominal humana Morphometrical quantification of Chlamydia pneumoniae and Mycoplasma pneumoniae in human atherosclerotic abdominal aortic aneurysms

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Lucas José Tachotti Pires

    2007-09-01

    Full Text Available OBJETIVO: A inflamação aterosclerótica, com possível papel de agentes infecciosos, pode contribuir na patogênese dos aneurismas da aorta abdominal (AAA. O achado de Chamydia pneumoniae (CP nessas lesões, em estudos prévios, sem quantificação, variou de 0-100%. O objetivo é quantificar a presença de CP e de Mycoplasma pneumoniae (MP nos AAA. MÉTODO: A espessura, o número de células positivas para CP detectadas por imunoperoxidase e a porcentagem de área ocupada por MP detectada por hibridização "in situ", nas três camadas da aorta, foram medidos com sistema de análise de imagens, em 10 aortas abdominais aneurismáticas. Usouse três grupos-controle: 1 amostras das mesmas aortas, fora do aneurisma, exceto se a dilatação tomasse toda a porção sub-renal da artéria (n=7; 2 aortas com aterosclerose grave, mas sem aneurismas (n=10; 3 aortas sem aterosclerose ou com grau leve da doença (n=10. Todos os espécimes foram obtidos em necropsias. Usou-se o teste de Wald para comparar os grupos; fixou-se o nível de significância em 5%. RESULTADOS: A íntima era mais fina e a média mais espessa nos casos normais que nos outros grupos (p0,05. Também se detectou MP em todos os grupos. Este agente predominou no grupo de pacientes com aterosclerose, mas sem aneurisma na íntima e na adventícia; entretanto, as diferenças entre os grupos não foram significativas (p>0,05. CONCLUSÕES: Nossos dados sugerem que os agentes enfocados não têm papel importante na patogênese dos AAA.OBJECTIVE: Atherosclerotic inflammation, with a possible role of infectious agents, could contribute to the pathogenesis of abdominal aortic aneurysms (AAA. Finding of Chlamydia pneumoniae (CP in these lesions in previous, non-quantifying studies ranged from 0-100%. The objective is to quantify the presence of CP and Mycoplasma pneumoniae (MP in AAA. METHODS: Thickness, number of cells positive for CP by immunohistochemistry and percent area occupied by MP

  15. A insuficiência da valva aórtica na dissecção crônica da aorta proximal: troca ou reconstrução valvar? Aortic valve insufficiency in chronic aortic dissection: valve replacement or reconstruction?

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ricardo Beyruti

    1993-06-01

    Full Text Available Com o objetivo de avaliar os resultados clínicos e ecocardiográficos tardios obtidos com a correção da insuficiência aórtica decorrente da dissecção crônica da aorta proximal, foram estudados 48 pacientes consecutivos operados entre janeiro de 1980 e dezembro de 1989, separados em 2 grupos de 24 pacientes cada. Grupo A - pacientes nos quais a valva aórtica foi preservada pela "resuspensão comissural"; Grupo B - pacientes nos quais a valva aórtica foi substituída. Na avaliação ecocardiográfica pré-operatória, os pacientes do Grupo B apresentavam grau de insuficiência aórtica, diâmetros ventriculares (sistólico e diastólico e da aorta ascendente significativamente maiores do que os do Grupo A (p=0,03, sendo comparáveis nos demais parâmetros. A mortalidade hospitalar foi 12,5% no Grupo A e de 4,17% no Grupo B e a sobrevida aos 7 anos, respectivamente, 75,75% ± 9,82% e 82,72% ± 7,87% (NS. A avaliação clínica mostrou que, no pós-operatório, houve melhora significativa (pFrom January 1980 to December 1989, 48 consecutive patients with chronic aortic dissection and aortic valve insufficiency underwent operation. They were analyzed in 2 groups (24 patients each to evaluate the late clinical and echocardiography outcome of those in whom the aortic valve was preserved (Group A compared with those having valve replacement (Group B. The overall preoperative characteristics of the two groups were similar except for the age (Group A 47.9 ± 10.8 versus Group B 40.2 ± 9.5 years, p=0.03. In the preoperative echocardiographic evaluation, Group B patients had significantly higher aortic root and left ventricle systolic and diastolic diameters (p<0.03, and aortic insufficiency grade (p=0.02. The hospital mortality was 12.5% in Group A and 4.2% in Group B and the seven years actuarial survival rate was respectively 75.7% ± 9.8% and 82.7% ± 7.9%. Postoperatively there was, in both groups, a significant improvement in all clinical

  16. Effects of thapsigargin in isolated rat thoracic aorta

    DEFF Research Database (Denmark)

    Mikkelsen, E O; Thastrup, Ole; Christensen, S B

    1988-01-01

    The effect of thapsigargin (Tg) was studied in rat thoracic aorta. Tg (10(-8)-10(-5) M) had a dual effect on rat aorta. Thus, Tg induced a concentration dependent increase in basal tone in normal physiological salt solution (PSS), while Tg in potassium (K+) precontracted aortic rings caused a con...... A 23187 had an endothelium dependent relaxant effect on rat aorta different from that of carbachol. The results indicate that Tg in vascular smooth muscle acts by stimulating the transmembranal influx of extracellular calcium....

  17. Diabetes Mellitus en el servicio de urgencias: manejo de las complicaciones agudas en adultos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Eder A. Hernández-Ruiz

    2008-01-01

    Full Text Available La Diabetes Mellitus (DM es una enfermedad de alta prevalencia, reconocida como un problema de salud pública, debido a sus altas tasas de morbilidad y mortalidad asociadas. Diferentes estudios han documentado que la falta de adherencia al tratamiento, constituye uno de los principales factores desencadenantes para las descompensaciones agudas en el paciente diabético. Dentro del espectro de dichas alteraciones se encuentran las crisis hiperglicémicas agudas, las cuales se han dicotomizado en dos entidades clínicas: la Cetoacidosis Diabética (CAD y el Estado Hiperglicémico Hiperosmolar (EHH, que constituyen complicaciones metabólicas potencialmente fatales en el corto plazo y de las cuales pueden encontrarse cuadros superpuestos. Se han establecido criterios diagnósticos específicos buscando realizar un diagnóstico diferencial acertado, que permita un tratamiento idóneo; sin embargo, las tasas de morbilidad y mortalidad siguen siendo considerables. Por su parte, la Hipoglicemia también constituye una emergencia médica que, de no ser tratada oportunamente, puede ocasionar daño neurológico permanente e incluso la muerte. De lo anterior se deduce la importancia de que existan guías claras de manejo de estas alteraciones en todos los centros y servicios donde se preste atención médica de urgencias. Se siguen realizando investigaciones en busca de nuevas estrategias diagnósticas y terapéuticas que permitan un manejo más integral de la DM y sus complicaciones, en aras de mejorar la calidad de vida de los pacientes.

  18. Tratamiento quirúrgico de las colecciones agudas y crónicas del pericardio

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Orestes Noel Mederos Curbelo

    Full Text Available Introducción: las colecciones agudas o crónicas del pericardio con frecuencia producen una compresión del corazón que en los casos crónicos conlleva invalidez y, en los agudos, peligro de muerte por taponamiento cardíaco. Objetivo: caracterizar a los pacientes intervenidos quirúrgicamente en el Hospital Universitario "Comandante Manuel Fajardo" entre 1995 y 2012 a causa de colecciones pericárdicas. Métodos: se realizó un estudio descriptivo transversal con los pacientes atendidos quirúrgicamente en dicha institución por colecciones del pericardio. Constituyeron el universo 24 pacientes: 22 con colecciones agudas y 2 con colecciones crónicas. Resultados: la causa más frecuente de los derrames agudos fue la pericarditis aguda idiopática (25 %. Las colecciones crónicas fueron por pericarditis fibrosa de causa idiopática en el 100 % de los enfermos. La intervención realizada fue la resección del pericardio y el drenaje de las colecciones agudas mediante toracotomía izquierda o por vía preperitoneal subxifoidea. En las colecciones de origen maligno se realizó la resección pericárdica con fines paliativos y, en los derrames por lesión traumática del corazón, la sutura de este órgano fue el tratamiento quirúrgico empleado en todos los casos. En las pericarditis constrictivas, la pericardiectomía radical fue el tratamiento empleado en el 100 % de los casos. Conclusiones: el tratamiento quirúrgico en las colecciones agudas y crónicas del pericardio permite drenar el contenido por una ventana pericárdica obtenida por toracoscopia o por vía preperitoneal subxifoidea, mientras que la toracotomía izquierda es útil en las emergencias. En los derrames crónicos con fibrosis y síntomas de insuficiencia cardíaca, la pericardiectomía radical mediante esternotomía media ofrece los mejores resultados.

  19. Injúria renal aguda: um alerta global Acute kidney injury: a global alert

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Philip Kam Tao Li

    2013-03-01

    Full Text Available A Injúria Renal Aguda (IRA é cada vez mais prevalente nos países desenvolvidos e nos em desenvolvimento, e está associada com morbidade e mortalidade severas. A maioria das causas da IRA pode ser evitada por meio de intervenções em nível individual, comunitário, regional e intra-hospitalar. Medidas efetivas devem incluir, em toda a comunidade, os esforços para aumentar a consciência dos efeitos devastadores do IRA e fornecer orientações sobre as estratégias de prevenção, bem como o reconhecimento e tratamento precoces. Os esforços devem ser focados em minimizar as causas de IRA, aumentando a consciência da importância de medidas seriadas de creatinina sérica em pacientes de alto risco para IRA, e documentar o volume de urina em pessoas gravemente doentes para obtenção de diagnóstico precoce; até o momento, não há ainda um papel definitivo para outros biomarcadores. Há a necessidade de protocolos para sistematizar a conduta em condições de IRA pré-renal e em infecções específicas. Dados mais precisos sobre a verdadeira incidência e o impacto clínico da IRA ajudarão a melhor conhecer a importância desta doença, a aumentar o conhecimento de IRA por parte dos governantes, dos médicos em geral e de outros profissionais de saúde para ajudar na prevenção da doença. A prevenção é a chave para evitar a pesado ônus de mortalidade e morbidade associada com IRA.

  20. Ventilação mecânica não invasiva na crise de asma aguda grave em crianças: níveis de evidências

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Paula de Souza Silva

    2015-12-01

    Full Text Available RESUMO Objetivo: Avaliar a qualidade das evidências existentes para embasar diretrizes do emprego da ventilação mecânica não invasiva no manejo da crise de asma aguda grave em crianças não responsivas ao tratamento padrão. Métodos: Busca, seleção e análise de todos os artigos originais sobre asma e ventilação mecânica não invasiva em crianças, publicados até 1º de setembro de 2014, em todos os idiomas, nas bases de dados eletrônicas PubMed, Web of Science, Cochrane Library, Scopus e SciELO, encontrados por meio de busca pelos descritores "asthma", "status asthmaticus", "noninvasive ventilation", "bronchospasm", "continuous positive airway pressure", "child", "infant", "pediatrics", "hypercapnia", "respiratory failure", e das palavras-chave "BIPAP", "CPAP", "bilevel", "acute asthma" e "near fatal asthma". Os artigos foram qualificados segundo os graus de evidências do Sistema GRADE. Resultados: Foram obtidos apenas nove artigos originais. Destes, dois (22% apresentaram nível de evidência A, um (11% apresentou nível de evidência B e seis (67% apresentaram nível de evidência C. Conclusão: Sugere-se que o emprego da ventilação mecânica não invasiva na crise de asma aguda grave em crianças não responsivas ao tratamento padrão é aplicável à maioria desses pacientes, mas as evidências não podem ser consideradas conclusivas, uma vez que pesquisa adicional de alta qualidade provavelmente tenha um impacto modificador na estimativa de efeito.

  1. Tratamento artroscópico da luxação acromioclavicular aguda com âncoras Arthroscopic treatment of acute acromioclavicular joint dislocation using suture anchors

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Leonardo Muntada Cavinatto

    2011-01-01

    Full Text Available OBJETIVO: Apresentar os resultados clínicos e radiográficos de uma série de casos com diagnóstico de Luxação Acromioclavicular (LAC Aguda, tratados através da fixação coracoclavicular com âncoras por via artroscópica. MÉTODO: Vinte pacientes apresentando LAC com menos de 30 dias de evolução foram operados pela técnica da estabilização coracoclavicular com âncoras por via artroscópica. Duas âncoras metálicas com dois fios cada, foram inseridas no coracóide. Os fios foram amarrados sobre a clavícula passando por túneis transósseos claviculares. Para a avaliação radiográfica, foi utilizada a medida comparativa da distância coracoclavicular com o lado contralateral e a avaliação funcional através dos escores de Constant e UCLA o seguimento foi de seis meses. RESULTADO: Dos vinte casos inicialmente selecionados, seis necessitaram de novo procedimento cirúrgico e foram excluídos do estudo. Dos quatorze pacientes restantes, apenas dois mantiveram redução da articulação acromioclavicular, enquanto os demais apresentaram algum grau de desvio no decorrer da evolução. Desconsiderando os pacientes excluídos, os escores de Constant e UCLA tiveram média 94,79 (82-100 e, 32,64 (26-35, respectivamente. CONCLUSÃO: A técnica apresentou um alto índice de perda da redução ao longo da evolução de seis meses. A avaliação funcional apresentou resultado satisfatório com escore médio elevado de Evidência: Nível de Evidência: Nível III, estudo retrospectivo.OBJECTIVE: To present the clinical and radiographic results of a case series of patients with acute acromioclavicular dislocation (AAD treated by arthroscopic coracoclavicular fixation with suture anchors. METHOD: Twenty patients with AAD with less than 30 days since the injury were submitted to a coracoclavicular stabilization procedure using 2 suture anchors placed at the base of the coracoid process. Each suture anchor was connected to 2 strands of No.2

  2. Lesão renal aguda por glicerol: efeito antioxidante da Vitis vinifera L Acute kidney injury by glycerol: antioxidant effect of Vitis vinifera L

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Elisabete Cristina de Oliveira Martim

    2007-09-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: A lesão renal aguda (LRA é a complicação mais grave da rabdomiólise. Nessa síndrome, a liberação do pigmento heme desencadeia uma lesão que se caracteriza por vasoconstrição glomerular e toxicidade celular direta com provável componente oxidante. A renoproteção com antioxidantes tem demonstrado efeito satisfatório. As proantocianidinas são antioxidantes naturais encontradas no extrato da semente da uva. O objetivo deste estudo foi avaliar o efeito antioxidante da Vitis vinifera sobre a função renal de ratos submetidos à lesão induzida por rabdomiólise. MÉTODO: Foram utilizados ratos Wistar, machos e adultos pesando entre 250 e 300 g. A LRA foi induzida pela administração de glicerol 50% por via muscular. Os animais foram distribuídos em 4 grupos: grupo Salina (6 mL/kg de NaCl a 0,9%, por via intraperitoneal (dose única, Glicerol (6 mL/kg por via muscular metade da dose em cada região femoral, em dose única, grupo Vitis vinifera (3 mg/kg/dia, por via oral durante cinco dias e grupo Glicerol + Vitis vinifera que recebeu Vitis vinifera por cinco dias antes do glicerol. RESULTADOS: Foram avaliados a função renal (FR e o perfil oxidativo (peróxidos urinários FOX-2 e MDA-TBARS. O grupo glicerol de animais tratado com Vitis vinifera apresentou melhora da FR e redução dos níveis de peroxidação lipídica. CONCLUSÕES: Os resultados deste estudo confirmaram a ação antioxidante da Vitis vinifera na LRA induzida por glicerol.BACKGROUND AND OBJECTIVES: The Acute Kidney Injury (AKI is the most serious complication of rhabdomyolysis. In this syndrome, the delivery of heme pigment induces an injury that distinguishes itself by glomerular vasoconstriction and direct cellular toxicity with oxidative component. The renoprotection with antioxidants has demonstrated satisfactory effect. The proanthocyanidins are natural antioxidants found in the grape seed extract. The aim of this study was to

  3. Effect of coarctation of the aorta and bicuspid aortic valve on flow dynamics and turbulence in the aorta using particle image velocimetry

    Science.gov (United States)

    Keshavarz-Motamed, Zahra; Garcia, Julio; Gaillard, Emmanuel; Maftoon, Nima; Di Labbio, Giuseppe; Cloutier, Guy; Kadem, Lyes

    2014-03-01

    Blood flow in the aorta has been of particular interest from both fluid dynamics and physiology perspectives. Coarctation of the aorta (COA) is a congenital heart disease corresponding to a severe narrowing in the aortic arch. Up to 85 % of patients with COA have a pathological aortic valve, leading to a narrowing at the valve level. The aim of the present work was to advance the state of understanding of flow through a COA to investigate how narrowing in the aorta (COA) affects the characteristics of the velocity field and, in particular, turbulence development. For this purpose, particle image velocimetry measurements were conducted at physiological flow and pressure conditions, with three different aorta configurations: (1) normal case: normal aorta + normal aortic valve; (2) isolated COA: COA (with 75 % reduction in aortic cross-sectional area) + normal aortic valve and (3) complex COA: COA (with 75 % reduction in aortic cross-sectional area) + pathological aortic valve. Viscous shear stress (VSS), representing the physical shear stress, Reynolds shear stress (RSS), representing the turbulent shear stress, and turbulent kinetic energy (TKE), representing the intensity of fluctuations in the fluid flow environment, were calculated for all cases. Results show that, compared with a healthy aorta, the instantaneous velocity streamlines and vortices were deeply changed in the presence of the COA. The normal aorta did not display any regions of elevated VSS, RSS and TKE at any moment of the cardiac cycle. The magnitudes of these parameters were elevated for both isolated COA and complex COA, with their maximum values mainly being located inside the eccentric jet downstream of the COA. However, the presence of a pathologic aortic valve, in complex COA, amplifies VSS (e.g., average absolute peak value in the entire aorta for a total flow of 5 L/min: complex COA: = 36 N/m2; isolated COA = 19 N/m2), RSS (e.g., average peak value in the entire aorta for a total flow of 5

  4. Doença de chagas aguda em mulher de 80 anos no México. Relato anatomopatológico

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Felipe Lozano Kasten

    1993-12-01

    Full Text Available Mulher de 80 anos de idade, com doença de Chagas aguda diagnosticada à necrópsia, adquirida, provavelmente, através de triatomíneos no município de Zacoelo de Torres, no Estado de Jalisco, México. Assinala-se a raridade do encontro de casos de doença de Chagas agudo, na faixa etária da paciente. O exame anatomopatológico mostrou comprometimento do coração, esôfago e intestino grosso. Encontrou-se lesões no sistema nervoso autônomo intramural do esôfago e do intestino grosso, sendo estes achados de interesse, por ocorrer em área geográfica onde os megas tem sido pouco relatados.

  5. Insuficiência renal aguda secundária a acidentes ofídicos botrópico e crotálico. Análise de 63 casos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Carlos Faria Santos Amaral

    1986-08-01

    Full Text Available Sessenta e três pacientes com insuficiência renal aguda secundária a acidente ofídico foram tratados no CTI do Hospital das Clínicas da UFMG. Em 32 pacientes (51% o acidente foi produzido por serpentes do gênero Bothrops (grupo bio-trópico e em 32 pacientes (49% pela cascavel sul-americana (grupo crotálico. As principais complicações apresentadas pelos pacientes foram a uremia (100% dos casos, hiperpotassemia (89% dos casos, anemia (78% dos casos, infecção urinária (37% dos casos, hiper-hidratação (17% dos casos, parada cardíaca (14% dos casos e edema agudo dos pulmões (11% dos casos. Cinco pacientes do grupo crotálico (16% tiveram insuficiência respiratória aguda atribuída à ação neurotóxica do veneno, quatro dos quais se recuperaram completamente. Sete pacientes do grupo botrópico (22% tiveram necrose cortical renal diagnosticada em cinco através da biópsia renal e em dois na necropsia. Quarenta e cinco pacientes (71% foram tratados com diálise peritoneal e a hemodiálise foi necessária em dois pacientes, um dos quais havia sido submetido a diálise peritoneal. Em 17 pacientes (27% o tratamento foi conservador. Cinqüenta e cinco pacientes receberam alta hospitalar, quatro dos quais com insuficiência renal crônica secundária a necrose cortical renal e oito (13% faleceram. Os óbitos foram atribuídos a edema pulmonar agudo em quatro pacientes, a estado de choque em dois pacientes e a coma e infecção respiratória após parada cardíaca em dois pacientes.

  6. ESTUDO DA FARMACOTERAPIA DA DOR EM PACIENTES PÓS-CIRÚRGICOS DO HOSPITAL DE CLÍNICAS DA UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Vladimir ANTONINI, Elizabeth TAMBARA, Marcelo Martins BAVIERA, Carolina Rizzoni SILVEIRA, Eduardo Dias de SOUZA

    2013-12-01

    Full Text Available A dor pós-operatória é uma dor aguda de difícil controle efetivo. O objetivo deste estudo foi avaliar, comparativamente com a literatura internacional, a incidência de dor pós-operatória nos pacientes submetidos a operações do aparelho digestivo, tratados com os analgésicos e anti-inflamatórios padronizados no Hospital de Clínicas da UFPR. Cem pacientes de ambos os sexos, com idade entre 19 e 65 anos, foram acompanhados desde a Unidade de Recuperação Pós-Anestésica Imediata até a alta hospitalar, ou até 72 horas após a cirurgia, através de ensaio duplamente encoberto com perguntas verbais sobre a presença e a intensidade da dor. Foi comparado o índice de dor dos pacientes que receberam dipirona e dipirona associada a cetoprofeno ou dipirona associada a tramadol ou dipirona associada a cetoprofeno e tramadol nos momentos determinados. De 91 pacientes analisados na Unidade de Recuperação Pós-anestésica Imediata, 33 reportaram dor. Entre os 93 pacientes observados desde o retorno à unidade de internação até a primeira administração de medicação do dia seguinte, 30 apresentaram dor. No primeiro dia do período pós operatório, 93 pacientes foram acompanhados, sendo encontrados 24 pacientes com dor. No segundo dia, de 37 pacientes internados, 11 continuavam com dor. Não houve diferença estatisticamente significativa entre os pacientes que receberam dipirona isolada ou associada a outros medicamentos. O presente estudo demonstrou que a incidência de dor aguda contínua pós-operatória nos pacientes do Hospital de Clínicas da Universidade Federal do Paraná tratados com os analgésicos e antiinflamatórios padronizados foi de trinta por cento, margem mínima indicada na literatura internacional.

  7. Evolução dos conhecimentos sôbre a cardiopatia da doenca de Chagas: revisão crítica da literatura

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Francisco S. Laranja

    1949-12-01

    Full Text Available Foi feita uma revisão critica da literatura sobre cardiopatia da Doença de Chagas, discutindo-se os principais aspectos clínicos desta cardiopatia á luz da experiência por nós adquirida nestes últimos anos. A evolução dos conhecimentos clínicos sobre esquisotripanose pode ser sintetisada em três fases: a A primeira corresponde á descoberta da doença, feita por Chagas, e á descrição por ele e seus primeiros colaboradores das manifestações clínicas essenciais da nova entidade mórbida, na qual distinguiu a forma aguda e várias formas crônicas. b Na segunda fase, a pesquisa orientou-se essencialmente pela busca dos casos de infecção aguda, havendo considerável duvida a respeito da realidade clinica das formas crônicas da infecção. Durante um longo período raros casos de cardiopatia crônica foram publicados. Ate o momento acual (1948 encontram-se na literatura estrangeira 134 casos de cardiopatia crônica chagásica, dos quais 9 autopsiados; ate fins de 1944, o numero de casos publicados no Brasil, fora de Lassance, era de 45, dos quais 3 autopsiados. c A terceira fase ou fase atual, tende a caracterisar-se por um interesse particular nos casos de infecção crônica, orientando-se porém a pesquisa cli¬nica essencialmente pelas manifestações da cardiopatia. Contribuições recentes de ordem clínica e experimental trouxeram ampla confirmação as idéias de Chagas a respeito desta cardiopatia e colocaram-na em posição de entidade clinica de realidade indiscutível. Sua importância social esta sendo determinada e os dados disponíveis já lhe apontam relevante significação em certas regiões. Mais de 600 casos de cardiopatia crônica chagásica foram publicados no Brasil nestes últimos quatro anos.

  8. Arma branca retida em aorta abdominal superior

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fernando Antonio C. Spencer Netto

    Full Text Available Abdominal aorta wounds carries a high immediate mortality. Few patients reach hospital care alive. There are no reports on Medline (1969-2002 about aortic wounds of foreign body with retention. A case with upper abdominal aortic wound with an inlaid blade is reported. The retained blade fixed the stomach to the surgical field, difficulting the vascular control, leading to an unconventional approach and allowing extensive contamination. The patient developed multiple organ dysfunction and died at fifth postoperative day. Singularities of an inlaid knife in upper abdominal aorta and changes in traditional approach are discussed. The authors assumed that the inlaid knife decreased the bleeding, allowing the patient arrival to the hospital, but worsened the approach to the aorta wound.

  9. Toxicidad aguda de las hojas de Xanthium spinosum en ratones BALB/C

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Arturo Silvero-Isidre

    2016-01-01

    Full Text Available Las hojas de la planta Xanthium spinosum se utilizan culturalmente en Paraguay por sus propiedades medicinales. Se evaluó la toxicidad aguda del extracto de hojas maduras; para el estudio se seleccionaron 35 ratones BALB/C machos que fueron distribuidos en 7 grupos, 6 de ensayo y 1 de control. El extracto fue preparado en concentraciones de 6 y 9% (g/dL; se administró la solución 6% a tres grupos y la solución 9% a los otros tres grupos, con dosis entre 200 y 1000 mg/kg. Al final de 14 días de observación, se extrajeron muestras de sangre para estudios laboratoriales de urea y transaminasas, además de órganos para estudios anatomopatológicos. Se determinaron aumentos en los niveles de GOT y urea en comparación al grupo control. Se concluye que el consumo del extracto de hojas maduras de Xanthium spinosum puede causar daño hepático.

  10. Coarctation of the Aorta

    Science.gov (United States)

    ... the wall of the left ventricle to thicken (hypertrophy). Risk factors Coarctation of the aorta often occurs ... body. Over time, this can cause your heart muscle to thicken and lead to symptoms such as ...

  11. Pseudo-aneurisma em tubo valvulado de pericárdio bovino corrugado após reconstrução da aorta ascendente: relato de caso False aneurysm of crimped bovine pericardial conduit after reconstruction of the ascending aorta: case report

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Noedir A. G. STOLF

    1999-10-01

    Full Text Available Os autores descrevem o caso de paciente que, 9 anos após a correção cirúrgica de um aneurisma de aorta ascendente com tubo valvulado de pericárdio bovino corrugado, evoluiu com a formação de um pseudo-aneurisma de aorta localizado, posteriormente, sobre a linha de sutura do tubo de pericárdio bovino. Foi realizada substituição do tubo de pericárdio bovino por tubo de Dacron valvulado (com prótese mecânica e reimplante dos óstios coronários utilizando-se a técnica de hemi-Cabrol. O tempo de seguimento pós-operatório do paciente é de 12 meses, permanecendo assintomático.The authors describe the case of a patient who had an aneurysm of the ascending aorta repaired with biologic valved crimped bovine pericardial conduit. Nine years after the surgery he presented a false aneurysm of the ascending aorta, located posteriorly on the suture line of the pericardial tube. The patient was reoperated and the pericardial tube was replaced by a valved Dacron composite graft using the hemi- Cabrol technique for the reimplantation of the coronary ostia. At 12 months follow-up the patient remains free of symptoms.

  12. Detección molecular de las translocaciones más comunes en Leucemia aguda mediante RT-PCR

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    L. García

    2001-07-01

    Full Text Available Evaluar la incidencia de las translocaciones t(4;11, t(1;19, t(9;22 y t(12;21 en leucemia linfoide aguda (LLA y t(15;17, t(8;21 e Inv.(16 en leucemia mieloide aguda (LMA. Correlacionar los resultados obtenidos con el diagnóstico morfológico y citogenético.

  13. Apendicite aguda isquêmica em coelhos: novo modelo com estudo histopatológico Acute ischaemic appendicitis in rabbits: new model with histopathological study

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fernando Costa Nunes

    2005-10-01

    Full Text Available OBJETIVOS: Avaliar a isquemia parcial ou total, através da ligadura com fio inabsorvível dos vasos do mesoapêndice do apêndice vermiforme de coelhos, bem como a obstrução mecânica, através da ligadura com fio inabsorvível da base do apêndice vermiforme, a 1 cm do ceco. Avaliar a histologia do apêndice ( normal e acometido . Estudar a flora bacteriana residente no apêndice vermiforme ( normal e acometido e do exsudato peritoneal. MÉTODOS: Foram utilizados 72 coelhos ( "Oryctogalus cuniculos" , machos da linhagem Nova Zelândia, com peso médio de 3,000 gramas. Foram divididos em grupos: piloto ( A , flora bacteriana ( B , controle ( H e experimento ( C, D, E, F e G com períodos de observação de 96 horas e 192 horas. Fez-se a ligadura dos vasos do mesoapêndice, com fio inabsorvível nos grupos ( D, E, F e G e da base do apêndice vermiforme a 1 cm do ceco, no grupo ( C . No grupo experimento (D,E,F e G foi praticado o modelo isquêmico. No grupo experimento ( C foi realizada a obstrução mecânica e no grupo controle ( H foi feita somente a simulação da cirurgia. RESULTADOS: No grupo controle ( H , não ocorreu apendicite aguda. No grupo experimento ( C,D,E,F, e G ocorreu apendicite aguda. CONCLUSÃO: O procedimento utilizado causa apendicite aguda com alterações anatomopatológicas distintas. A bactéria residente encontrada na flora fisiológica do suco entérico do apêndice vermiforme e no exsudato peritoneal foi a Escherichia coli.PURPOSE: To evaluate partial or total ischemia, through ligature with an unabsorbed thread of vessels from the vermiform appendix of rabbits, as well as the mechanical obstruction, through ligature with an unabsorbed thread at the basis of the vermiform appendix, at 1 cm from the cecum, of the acute appendicitis disease. To evaluate the histology of the appendix ( normal and affected . To study the bacterium flora resident in the vermiform appendix (normal and affected and the exudates

  14. Mechanical Characterization and Material Modeling of Diabetic Aortas in a Rabbit Model.

    Science.gov (United States)

    Tong, Jianhua; Yang, F; Li, X; Xu, X; Wang, G X

    2018-03-01

    Diabetes has been recognized as a major risk factor to cause macrovascular diseases and plays a key role in aortic wall remodeling. However, the effects of diabetes on elastic properties of aortas remain largely unknown and quantitative mechanical data are lacking. Thirty adult rabbits (1.6-2.2 kg) were collected and the type 1 diabetic rabbit model was induced by injection of alloxan. A total of 15 control and 15 diabetic rabbit (abdominal) aortas were harvested. Uniaxial and biaxial tensile tests were performed to measure ultimate tensile strength and to characterize biaxial mechanical behaviors of the aortas. A material model was fitted to the biaxial experimental data to obtain constitutive parameters. Histological and mass fraction analyses were performed to investigate the underlying microstructure and dry weight percentages of elastin and collagen in the control and the diabetic aortas. No statistically significant difference was found in ultimate tensile strength between the control and the diabetic aortas. Regarding biaxial mechanical responses, the diabetic aortas exhibited significantly lower extensibility and significantly higher tissue stiffness than the control aortas. Notably, tissue stiffening occurred in both circumferential and axial directions for the diabetic aortas; however, mechanical anisotropy does not change significantly. The material model was able to fit biaxial experimental data very well. Histology showed that a number of isolated foam cells were embedded in the diabetic aortas and hyperplasia of collagen was identified. The dry weight percentages of collagen within the diabetic aortas increased significantly as compared to the control aortas, whereas no significant change was found for that of elastin. Our data suggest that the diabetes impairs elastic properties and alters microstructure of the aortas and consequently, these changes may further contribute to complex aortic wall remodeling.

  15. Radiotherapy-induced aortic valve disease associated with porcelain aorta

    International Nuclear Information System (INIS)

    Daitoku, Kazuyuki; Fukui, Kozo; Ichinoseki, Ikkoh; Munakata, Mamoru; Takahashi, Shoichi; Fukuda Ikuo

    2004-01-01

    Mediastinal irradiation has been reported to induce cardiac disease such as pericarditis, valvular dysfunction, conduction abnormalities, accelerated arteriosclerosis of the coronary arteries, and also calcifications of the ascending aorta. We herein describe a case of radiotherapy-induced porcelain aorta and aortic valve disease and their surgical treatment. The patient was diagnosed with myasthenia gravis (MG) in 1965 (Osserman's type II), and mediastinal irradiation was performed in 1970 for treatment of thymic tumor associated with MG. Thirty years after radiation therapy, complete atrioventricular block and aortic valve disease with severe calcification of the ascending aorta and aortic arch (porcelain aorta) were detected on echo cardiogram and cardiac catheterization. A permanent pacemaker was implanted via the left subclavian vein and aortic valve replacement was performed under extracorporeal circulation established by selective cerebral perfusion and balloon occlusion instead of aortic cross-clamping. As no risk factors of arteriosclerosis such as hypercholesterolemia, hyperglycemia and hypertension were apparent, we concluded that the aortic valve disease and porcelain aorta were primarily induced by radiotherapy. (author)

  16. Turner Syndrome in Girls Presenting with Coarctation of the Aorta.

    Science.gov (United States)

    Eckhauser, Aaron; South, Sarah T; Meyers, Lindsay; Bleyl, Steven B; Botto, Lorenzo D

    2015-11-01

    To evaluate the frequency of Turner syndrome in a population-based, statewide cohort of girls with coarctation of the aorta. The Utah Birth Defects Network was used to ascertain a cohort of girls between 1997 and 2011 with coarctation of the aorta. Livebirths with isolated coarctation of the aorta or transverse arch hypoplasia were included and patients with complex congenital heart disease not usually seen in Turner syndrome were excluded. Of 244 girls with coarctation of the aorta, 77 patients were excluded, leaving a cohort of 167 girls; 86 patients (51%) had chromosomal studies and 21 (12.6%) were diagnosed with Turner syndrome. All patients were diagnosed within the first 4 months of life and 5 (24%) were diagnosed prenatally. Fifteen patients (71%) had Turner syndrome-related findings in addition to coarctation of the aorta. Girls with mosaicism were less likely to have Turner syndrome-associated findings (3/6 mosaic girls compared with 12/17 girls with non-mosaic 45,X). Twelve girls (57%) diagnosed with Turner syndrome also had a bicommissural aortic valve. At least 12.6% of girls born with coarctation of the aorta have karyotype-confirmed Turner syndrome. Such a high frequency, combined with the clinical benefits of an early diagnosis, supports genetic screening for Turner syndrome in girls presenting with coarctation of the aorta. Copyright © 2015 Elsevier Inc. All rights reserved.

  17. Falla cardíaca aguda

    OpenAIRE

    Sénior Sánchez, Juan Manuel; Gándara Ricardo, Jairo Alfonso

    2015-01-01

    Se presenta el caso clínico de una mujer de 26 años de edad, que acudió al Hospital Universitario San Vicente Fundación (Medellín) con síntomas y signos de falla cardíaca aguda y diagnóstico previo de falla cardíaca crónica con fracción de expulsión disminuida, de origen no claro, tromboembolismo pulmonar y ataque cerebrovascular isquémico, sin modulación neurohormonal óptima. Ingresó a la institución con hallazgos clínicos de sobrecarga hídrica y baja perfusión tisular, con requerimiento de ...

  18. MR imaging of the thoracic aorta in patients with Marfan syndrome

    International Nuclear Information System (INIS)

    Sommerhoff, B.A.; Sechtem, U.P.; Schiller, N.B.; Higgins, C.B.

    1986-01-01

    Gated MR imaging was used to evaluate the thoracic aorta in 11 with Marfan syndrome, eight patients with aneurysm of the ascending aorta, and 20 healthy subjects. The aortic diameter was measured on transverse and sagittal images at the levels of the sinuses of Valsalva, the caudal portion of the ascending aorta, the prearch region, the middle arch, and the descending aorta. The sinus of Valsalva-prearch region aortic diameter ratio in patients with Marfan syndrome was significantly greater than in the two other groups, indicating the characteristic shape of the Maranoid aorta. MR imaging allows definitive measurements' of aortic dimensions and is a valuable noninvasive method for monitoring the course of aortic enlargement

  19. Provável extrusão de núcleo pulposo aguda e não compressiva em um cão: relato de caso

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    G.G. Franco

    Full Text Available RESUMO A extrusão discal aguda e não compressiva é caracterizada pela extrusão de caráter agudo/hiperagudo e não compressivo do núcleo pulposo de um disco intervertebral não degenerado. Pode ser chamada de hérnia de disco de baixo volume e alta velocidade ou explosões discais e geralmente está associado a exercícios intensos ou episódios traumáticos. O núcleo pulposo é fortemente forçado através de uma pequena fissura no ânulo fibroso dorsal, provocando uma contusão espinhal. Este relato tem como objetivo apresentar um caso de provável extrusão aguda de núcleo pulposo não compressiva. Foi atendido um cão macho, três anos e seis meses de idade, maltês, pesando 4,1kg. Como queixa principal, o proprietário relatou dificuldade locomotora e dor à manipulação há um dia, sem histórico de trauma. Foi constatada paraparesia não ambulatória de início agudo com ausência de propriocepção e dor superficial em membros pélvicos e dor à palpação epaxial da coluna toracolombar. A ressonância magnética (RM evidenciou extensa área de hipersinal em segmento toracolombar da medula espinhal, sem sinais de compressão medular e de atenuação da intensidade do núcleo pulposo do disco intervertebral L1-L2. Foi feito diagnóstico presuntivo de mielopatia focal não compressiva com edema medular de todo segmento toracolombar, característico de uma extrusão aguda de núcleo pulposo não compressiva. Foi prescrito tratamento com anti-inflamatório esteroidal, analgésico, repouso absoluto e protocolo de reabilitação com acupuntura e fisioterapia. Após sete dias de tratamento, o animal recuperou a sensibilidade dolorosa superficial em membros pélvicos e evoluiu para paraparesia ambulatória. Os resultados deste relato sugerem que a RM pode ser útil para fazer um diagnóstico presuntivo em cães com histórico e sinais clínicos compatíveis. Além disso, o tratamento conservativo em extrusões discais não compressivas

  20. Epidemiological profile of acute bacterial meningitis in the state of Rio Grande do Norte, Brazil Perfil epidemiológico da meningite bacteriana aguda no estado do Rio Grande do Norte, Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Wallace Andrino da Silva

    2010-08-01

    Full Text Available INTRODUCTION: Acute bacterial meningitis (ABM remains a public health problem in Brazil. To evaluate the epidemiology of ABM cases at Giselda Trigueiro Hospital, Rio Grande do Norte, a descriptive retrospective survey was conducted covering 2005 to 2008. METHODS: Clinical and laboratory data were collected from the epidemiology department of the hospital and analyzed. RESULTS: Out of 168 ABM cases, 24.4%, 10.7%, and 2.4% were, respectively, caused by Streptococcus pneumoniae, Neisseria meningitidis and Haemophilus influenza b, and 5.4% by other bacteria. The mean age was 22.48 ± 18.7 years old. CONCLUSIONS: Streptococcus pneumoniae was the main causative pathogen in the young urban population.INTRODUÇÃO: Meningite bacteriana aguda (MBA permanece um problema de saúde pública no Brasil. Para avaliar a epidemiologia da MBA atendida no Hospital Giselda Trigueiro, Rio Grande do Norte, um estudo retrospectivo-descritivo foi realizado de 2005 a 2008. MÉTODOS: Dados clínicos e laboratoriais foram coletados do departamento de epidemiologia hospitalar e analisados. RESULTADOS: Dos 168 casos de MBA, 24,4%, 10,7% e 2,4% foram, respectivamente, causados por Streptococcus pneumoniae, Neisseria meningitidis e Haemophilus influenzae b e 5,4% por outras bactérias. A média da idade foi 22,48 ± 18,7 anos. CONCLUSÕES: Streptococcus pneumoniae foi o principal patógeno causador na população urbana jovem.

  1. Abdomen agudo ocasionado por apendicitis aguda de probable origen tuberculoso. Informe de un caso

    OpenAIRE

    Montiel-Jarquín, Álvaro José; Alvarado-Ortega, Iván; Romero-Figueroa, María del Socorro; Rodríguez-Pérez, Fabiola; Rodríguez-Lima, Felipe; Loria-Castellanos, Jorge

    2017-01-01

    RESUMEN Antecedentes: la apendicitis aguda tuberculosa es una enfermedad rara, constituye de 0,001 % a 0,01 % de las formas clínicas de tuberculosis. Se presenta un caso de apendicitis aguda probablemente tuberculosa como causa de abdomen agudo quirúrgico. Caso clínico: hombre de 29 años con cuadro de dolor abdominal leve a moderado que se intensificó y localizó en el hemiabdomen derecho, claudicación, febrícula, vómito, mal estado general, leucocitosis de 11 300/µL y neutrofilia de 91 %....

  2. Intoxicaciones agudas graves en un servicio de medicina intensiva durante doce años

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Palazón Sánchez C

    2000-01-01

    Full Text Available Fundamento: Conocer la epidemiología de las intoxicaciones agudas graves en un servicio de medicina intensiva y evaluar el pronóstico de la PCR y mortalidad asociada a los distintos tóxicos Métodos: Estudio retrospectivo realizado en el servicio de medicina intensiva polivalente de 10 camas, ubicado en un Hospital General de adultos. Período de estudio 12 años. Revisión de las historias clínicas de las personas ingresadas en el servicio de medicina intensiva por intoxicaciones agudas graves. Se recogieron datos demográficos, existencia de PCR al ingreso, necesidad de VM, complicaciones de las intoxicaciones agudas graves y mortalidad de la serie. Se realizó un análisis global y por año de estudio. El tratamiento estadístico de los datos se realizó con el paquete SPSS mediante la "t" de Student o la "chi" cuadrado, considerando valores significativos si p<0,05 Resultados: Se han incluido 233 sujetos, de los que 130 fueron varones. La estancia media fue de 4 días. El 63% de los pacientes fueron menores de 40 años (p<0,05. La intoxicación más frecuente fue la medicamentosa debida a un solo producto (72%. La supervivencia tras la PCR fue del 40% (4/10. La mortalidad global se situó en el 5,6% (n=13, habiendo precisado el 92% de los sujetos que posteriormente murieron, VM en algún momento de su ingreso en la unidad de cuidados intensivos. Conclusiones: En nuestro medio, la intoxicación más frecuente es la medicamentosa. La mortalidad se muestra dependiente del carácter de voluntariedad, pero independiente del tipo de tóxico (medicamentoso o no. La PCR asociada a las intoxicaciones agudas graves tiene, en nuestra serie, un mejor pronostico que la asociada a otras patologías. La VM asociada a las intoxicaciones agudas graves tiene una mortalidad baja (15,7%

  3. Análise da correlação de ocorrência da doença diarreica aguda com a qualidade da água para consumo humano no município de Vitória-ES Analysis of the correlation of diarrhea disease occurrence with drinking-water quality in the city of Vitória-ES

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Josiane Teresinha Matos de Queiroz

    2009-09-01

    Full Text Available Buscou-se traçar possíveis associações da qualidade da água para consumo humano com a ocorrência de casos de diarreia utilizando o Programa de Monitorização da Doença Diarreica Aguda, no ano de 2004, no município de Vitória, capital do Estado do Espírito Santo, Brasil. Para a análise da qualidade da água, foram utilizados os dados do Programa de Controle da Qualidade da Água, realizado pelo serviço de abastecimento público, e da Vigilância da Qualidade da Água, realizada pela Prefeitura local. O delineamento epidemiológico adotado foi o estudo do tipo ecológico. Foram utilizadas ferramentas de georreferenciamento para representação das amostras estudadas e análises estatísticas de regressão linear univariada e multivariada. Foram encontradas associações com significância estatística para a ocorrência de diarreia com os parâmetros de turbidez, coliformes totais e termotolerantes. Os resultados apontam para a necessidade de maior cuidado na rede de distribuição de água. Entretanto, como a doença diarreica pode ser causa de várias enfermidades, são necessárias ações com o objetivo principal de caracterizar o agravo e definir sua fonte de infecção, de modo a propor medidas que interrompam a cadeia de transmissão.Possible associations between drinking-water quality and the occurrence of diarrhea cases have been researched, using the 2004 Diarrhea Disease Monitoring Program in the city of Vitória, state of Espírito Santo, Brazil. For water quality analysis, data from the Water Quality Control Program, performed by the Public Supply Service, and from the Water Quality Surveillance, performed by the local municipal government, were used. The epidemiological delimitation adopted was the ecological study. Georeferencing tools for the representation of the studied samples and univariate and multivariate linear regression analyses were utilized. Statistically significant associations for the occurrence of

  4. Spiral blood flow in aorta-renal bifurcation models.

    Science.gov (United States)

    Javadzadegan, Ashkan; Simmons, Anne; Barber, Tracie

    2016-01-01

    The presence of a spiral arterial blood flow pattern in humans has been widely accepted. It is believed that this spiral component of the blood flow alters arterial haemodynamics in both positive and negative ways. The purpose of this study was to determine the effect of spiral flow on haemodynamic changes in aorta-renal bifurcations. In this regard, a computational fluid dynamics analysis of pulsatile blood flow was performed in two idealised models of aorta-renal bifurcations with and without flow diverter. The results show that the spirality effect causes a substantial variation in blood velocity distribution, while causing only slight changes in fluid shear stress patterns. The dominant observed effect of spiral flow is on turbulent kinetic energy and flow recirculation zones. As spiral flow intensity increases, the rate of turbulent kinetic energy production decreases, reducing the region of potential damage to red blood cells and endothelial cells. Furthermore, the recirculation zones which form on the cranial sides of the aorta and renal artery shrink in size in the presence of spirality effect; this may lower the rate of atherosclerosis development and progression in the aorta-renal bifurcation. These results indicate that the spiral nature of blood flow has atheroprotective effects in renal arteries and should be taken into consideration in analyses of the aorta and renal arteries.

  5. Intramural hemorrhage of the thoracic aorta - imaging features and differential diagnosis; Das intramurale Haematom der thorakalen Aorta: Bildgebende Diagnostik und Differentialdiagnose

    Energy Technology Data Exchange (ETDEWEB)

    Sommer, T. [Bonn Univ. (Germany) Radiologische Klinik; Abu-Ramadan, D. [Bonn Univ. (Germany). Klinik fuer Herz- und Gefaesschirurgie; Busch, M. [Bonn Univ. (Germany) Radiologische Klinik; Bierhoff, E. [Bonn Univ. (Germany). Pathologische Inst.; Kreft, B. [Bonn Univ. (Germany) Radiologische Klinik; Kuhl, C. [Bonn Univ. (Germany) Radiologische Klinik; Lutterbey, G. [Bonn Univ. (Germany) Radiologische Klinik; Keller, E. [Bonn Univ. (Germany) Radiologische Klinik; Schild, H. [Bonn Univ. (Germany) Radiologische Klinik

    1996-09-01

    Purpose: Aortic wall thickening due to intramural hemorrhage may be the only sign of aortic dissection. The aim of this study was to evaluate the incidence, imaging features and differential diagnoses of intramural hemorrhage (IMH) of the thoracic aorta. Methods: 98 patients with clinically suspected aortic dissection were investigated via Spiral-CT and MRT. Diagnosis of IMH based on the presence of smooth crescentic or concentric wall thickening over a longer segment of the thoracic aorta without flow visualization and without compression or distortion of the aortic lumen. Results: 69 patients had classic aortic dissections and 7 patients were diagnosed to have IMH of the thoracic aorta. One patient with IMH of the ascending aorta died of aortic rupture and subsequent pericardial tamponade 12 hours after onset of symptoms. In one patient with IMH of the descending aorta on initial examination, there was a progression of overt aortic dissection at follow-up after three weeks. In two patients with IMH of the descending aorta, wall thickening decreased in size at follow-up (10-15 weeks), whereas in one patient it remained unchanged. Conclusion: IMH of the aorta should be considered a precursor of aortic dissection. At follow-up IMH may decrease in size, rupture or progress to overt aortic dissection. (orig.) [Deutsch] Ziel: Eine aortale Wandverdichtung als Ausdruck eines intramuralen Haematoms kann die einzige Manifestation einer Aortendissektion sein. Ziel dieser Arbeit war die Evaluierung der Inzidenz, bildgebenden Aspekte und Differentialdiagnosen dieses in der deutschsprachigen Literatur wenig bekannten Krankheitsbildes. Methode: 98 Patienten mit klinischem Verdacht auf eine Aortendissektion wurden MR- und computertomographisch untersucht. Kriterium fuer das Vorliegen eines intramuralen Haematoms war der Nachweis einer laengerstreckigen aortalen Wandverdickung ohne Flussnachweis sowie ohne Konfigurationsaenderung des aortalen Lumens. Ergebnisse: 69 Patienten

  6. The Effect of Chlorpyrifos on Isolated Thoracic Aorta in Rats

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ebru Yıldırım

    2013-01-01

    Full Text Available This study investigated the effect of chlorpyrifos on thoracic aorta and on the level of NO in plasma and aorta. The effect of chlorpyrifos on thoracic aorta in organ bath was determined in 10 rats. Another 45 rats were assigned to 3 groups with 15 rats each: control group 1 received distilled water, control group 2 was given corn oil, and the last group was given 13.5 mg/kg chlorpyrifos dissolved in corn oil every other day for 8 weeks orally. Chlorpyrifos (10−10 M–10−5 M showed no effect on isolated thoracic aorta. Plasma AChE activity was decreased, while LDH, ALT, GGT, and AST activities were increased in chlorpyrifos group compared to control groups. Plasma NO level was increased in chlorpyrifos group compared to control groups. iNOS expression was present in all groups in the cytoplasm of the endothelia and in the smooth muscle cells of aorta. According to semiquantitative histomorphological analysis, iNOS immunopositive reactions were seen in the decreasing order in chlorpyrifos, control 2, and control 1 groups. eNOS immunopositive reactions were observed in the endothelial cell cytoplasm, rarely in the subintimal layer, and the smooth muscle cells of aorta. There were no differences among the groups in terms of eNOS immunostaining. In conclusion, chlorpyrifos induced NO production in aorta following an increase in NOS expression.

  7. The Effect of Chlorpyrifos on Isolated Thoracic Aorta in Rats

    Science.gov (United States)

    Yıldırım, Ebru; Baydan, Emine; Kanbur, Murat; Kul, Oğuz; Çınar, Miyase; Ekici, Hüsamettin; Atmaca, Nurgül

    2013-01-01

    This study investigated the effect of chlorpyrifos on thoracic aorta and on the level of NO in plasma and aorta. The effect of chlorpyrifos on thoracic aorta in organ bath was determined in 10 rats. Another 45 rats were assigned to 3 groups with 15 rats each: control group 1 received distilled water, control group 2 was given corn oil, and the last group was given 13.5 mg/kg chlorpyrifos dissolved in corn oil every other day for 8 weeks orally. Chlorpyrifos (10−10 M–10−5 M) showed no effect on isolated thoracic aorta. Plasma AChE activity was decreased, while LDH, ALT, GGT, and AST activities were increased in chlorpyrifos group compared to control groups. Plasma NO level was increased in chlorpyrifos group compared to control groups. iNOS expression was present in all groups in the cytoplasm of the endothelia and in the smooth muscle cells of aorta. According to semiquantitative histomorphological analysis, iNOS immunopositive reactions were seen in the decreasing order in chlorpyrifos, control 2, and control 1 groups. eNOS immunopositive reactions were observed in the endothelial cell cytoplasm, rarely in the subintimal layer, and the smooth muscle cells of aorta. There were no differences among the groups in terms of eNOS immunostaining. In conclusion, chlorpyrifos induced NO production in aorta following an increase in NOS expression. PMID:23878805

  8. Coarctation of the aorta

    Science.gov (United States)

    ... the legs is usually weaker than in the arms. Blood pressure is usually higher in the arms after infancy. ... be used to see if there are any differences in blood pressure in different areas of the aorta. Treatment Most ...

  9. Relação lipase/amilase nas pancreatites agudas de causa biliar e nas pancreatites agudas/crônicas agudizadas de causa alcoólica Lipase/amylase ratio in biliary acute pancreatitis and alcoholic acute/acutized chronic pancreatitis

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ricardo Custódio Pacheco

    2007-03-01

    Full Text Available RACIONAL: Pancreatites agudas de causas alcoólica ou biliar podem necessitar de abordagens terapêuticas diferentes. OBJETIVO: Verificar a validade da relação lipase/amilase em diferenciar as causas alcoólica ou biliar na pancreatite aguda/pancreatite crônica agudizada. MÉTODOS: Foram avaliados nove pacientes com pancreatite aguda/pancreatite crônica agudizada alcoólica, todos homens, com idade média (desvio padrão de 39,8 ± 7,0 anos (grupo I e 29 com pancreatite aguda biliar, sendo 8 homens e 21 mulheres, com idade média de 43,6 ± 19,9 anos (grupo II. As amilasemias e lipasemias foram determinadas em pacientes com sintomatologia há, no máximo, 48 horas. A relação lipase/amilase foi calculada utilizando-se valores de amilasemia e lipasemia expressas como múltiplos de seus respectivos valores superiores de referência. RESULTADOS: As médias das lipasemias (4.814 ± 3.670 U/L e amilasemias (1.282 ± 777 U/L no grupo I foram semelhantes às do grupo II (2.697 ± 2.391 e 1.878 ± 1.319 U/L, respectivamente, mas a média das relações lipase/amilase foi significantemente maior no grupo I (4,4 ± 3,6 do que no grupo II (2,2 ± 2,2. Relação lipase/amilase >3 foi significantemente mais freqüente no grupo I (66,7% do que no grupo II (24,1% e diferenciou os dois grupos com sensibilidade de 67% e especificidade de 76%. CONCLUSÕES: 1 as amilasemias e lipasemias não diferenciaram os dois grupos avaliados; 2 relação lipase/amilase >3 é mais freqüente na pancreatite aguda/pancreatite crônica agudizada alcoólica do que na pancreatite aguda biliar, e pode ser útil na diferenciação destas duas causas de pancreatite.BACKGROUND: Alcoholic or biliary acute pancreatitis may need different therapeutic approaches. AIM: Assessing the validity of lipase/amylase ratio in differentiating biliary from alcoholic acute pancreatitis/acutized chronic pancreatitis. METHODS: Nine male patients (mean age and standard deviation: 39.8 ± 7.0 years

  10. Estudo parasitológico e anátomo-patológico da fase aguda da doença de Chagas em cães inoculados com duas diferentes cepas do Trypanosoma cruzi

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria Alice Pedreira de Castro

    1985-12-01

    Full Text Available Cães jovens foram infectados com as cepas Y e CL do T. cruzi usando-se como inóculos 107 formas sangüíneas inoculadaspor via intraperitoneal e 2 x 10³ tripomastigotas metacíclicos obtidos do inseto vetor e inoculadospor via conjuntival. As cepas Ye CL induziram nos cães curvas deparasitemia totalmente distintas, confirmando dados parasitológicos obtidos em camundongos e coelhos. Com a cepa CL a parasitemia, com ambos os inóculos, foi gradualmente ascencional ao passo que com Y a parasitemia foi extremamente baixa, irregular e, com freqüência, subpatente. Com ambas as cepas o parasitismo e as lesões predominaram no miocárdio. Entretanto, com a cepa Y a miocardite foi sempre intensa desde as fases mais precoces da infecção, ao passo que com a cepa CL o processo inflamatório tomou-se acentuado somente a partir do 20.° dia. Freqüentemente a intensidade da miocardite observada em alguns animais não guardava relação com a parasitemia; em alguns cães com parasitemia subpatente, nos quais a infecção só foi diagnosticada pelo xenodiagnóstico, a intensidade da miocardite foi comparável àquela observada nos animais com parasitemia patente. Idêntica correlação também não foi assinalada em relação ao parasitismo tissular. Esses achados sugerem a participação de mecanismo imunológicos na gênese das lesões, ainda na fase aguda da infecção.Young dogs were inoculated with T. cruzi Y and CL strains either by intraperitoneal route with 107 blood forms or by ocular route with 2 x 10³ vector-derived trypomastigotes. With both inocula the patterns of parasitemia were significantly different, confirming data previously obtained in experimentally infected mice and rabbits. CL strain induced a gradual ascencional parasitemia whereas with Y the parasitemia was either subpatent or the number of parasites was very low, rapidly declining. Although myocarditis was present in most animals regardless of the strain used, the

  11. Reação de fase aguda e sua relação com o desempenho de cavalos em competição de longa distância

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    L.A. Amaral

    2015-04-01

    Full Text Available O exercício físico é um dos estímulos fisiológicos mais estressantes que um animal pode sofrer e, dependendo de sua intensidade, sugere-se que possa gerar uma reação mediada por proteínas de fase aguda (PFA. O objetivo deste estudo foi caracterizar a reação de fase aguda e sua relação com o desempenho de cavalos submetidos a uma competição de longa distância. O experimento foi desenvolvido durante a Marcha de Resistência anual promovida pela Associação Brasileira de Criadores de Cavalos Crioulos (ABCCC, composta por um percurso de 750km percorrido durante 15 dias. Foram avaliados 23 equinos, os quais foram divididos em dois grupos, sendo o grupo 1 composto pelos 10 primeiros colocados na competição e o grupo 2 formado pelos 13 animais que concluíram a competição em colocações inferiores ou foram desclassificados antes de terminar a prova. Efetuaram-se coletas sanguíneas em repouso (dia 0 e no último dia de competição, e foi realizado o teste de eletroforese em gel de poliacrilamida contendo dodecil sulfato de sódio (SDS-PAGE para identificar as proteínas (albumina, haptoglobina, ceruloplasmina, transferrina, imunoglobulina G, imunoglobulina A, glicoproteína ácida e proteína de peso molecular de 23kDa. Os resultados demonstraram que o exercício físico imposto influenciou de forma significativa (P<0,0001 as concentrações séricas de haptoglobina, ceruloplasmina, imunoglobulina A, glicoproteína ácida e proteína de peso molecular de 23kDa. Quando comparados os resultados dos grupos estudados, observou-se que a concentração de haptoglobina após a competição foi superior no grupo de animais com baixo desempenho (grupo 2. Conclui-se que a competição de longa duração é capaz de gerar reação de fase aguda e que o monitoramento da concentração de haptoglobina pode ser um sinalizador de processo inflamatório e baixo desempenho.

  12. Evaluation of diseases of the aorta with ultrafast CT

    International Nuclear Information System (INIS)

    Eldredge, W.J.; Flicker, S.; Altin, R.S.; Naidech, H.J.

    1987-01-01

    Ultrafast CT offers several advantages over standard CT for imaging of various congenital and acquired diseases of the aorta. Scan acquisition rates of 50 msec permit evaluation of the entire aorta following a single peripheral intravenous injection of iodinated contrast medium. Pathologic aortic flow patterns may also be defined using an ECG triggered ''flow'' mode, adding another dimension to CT evaluation of the aorta. The papers shows examples of a variety of aortic diseases, including coarctation, Marfan syndrome, atherosclerotic aneurysm, dissection, and postoperative abnormalities. The advantages of the modality are stressed

  13. Efeito vasomotor após intoxicação aguda com bupivacaína e levobupivacaína via intraperitoneal em ratos, analisado por imagem infravermelha digital

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Angelo Manoel Grande Carstens

    2011-04-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: O estudo do efeito vasomotor dos anestésicos locais (AL é de suma importância para a análise da ocorrência de efeitos cardiotóxicos, neurotóxicos e interações medicamentosas. Com a finalidade de encontrar um fármaco mais seguro do que a bupivacaína racêmica, o presente estudo teve por objetivo a análise por imagem infravermelha digital do efeito vasomotor da intoxicação aguda da bupivacaína e da levobupivacaína via intraperitoneal em ratos. MÉTODO: Utilizaram-se 30 ratos machos da linhagem Wistar, alocados em três grupos (n = 10 e submetidos a uma injeção intraperitoneal de AL. No Grupo C (Controle, foi realizada injeção intraperitoneal de soro fisiológico 0,9% 1 mL. No Grupo B (bupivacaína, injeção intraperitoneal de bupivacaína racêmica a 0,5% (R50-S50, dose de 20 mg.kg-1 de peso. No Grupo L (levobupivacaína, injeção intraperitoneal de levobupivacaína a 0,5%, excesso enantiomérico (S75-R25 em dose de 20 mg.kg-1 de peso. Procedeu-se à filmagem termográfica contínua desde o momento da pré-injeção até 30 minutos após a injeção. Os resultados das filmagens foram analisados em forma gráfica, verificando-se a temperatura máxima de cada rato e a temperatura média do sistema que abrigava o animal. RESULTADOS: Os resultados da análise gráfica revelaram que não houve diferença entre o Grupo L e o Grupo C, e a temperatura média permaneceu estável durante todo o experimento em ambos os grupos. No Grupo B, houve um fenômeno de aumento de temperatura após a injeção intraperitoneal de bupivacaína. CONCLUSÕES: Os resultados demonstraram que o efeito vasomotor da toxicidade aguda da levobupivacaína foi semelhante ao Grupo C com soro fisiológico, por meio de estudos macroscópicos por filmagem digital infravermelha, e que houve alterações vasomotoras (vasoconstrição com a intoxicação por bupivacaína em relação ao Grupo C e em relação ao Grupo L.

  14. Impacto da terapia renal substitutiva na funcao respiratoria de pacientes sob ventilacao mecanica

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fernanda Maia Lopes

    2013-09-01

    Full Text Available OBJETIVO: Avaliar o comportamento da oxigenação e da mecânica ventilatória em pacientes com suporte ventilatório após a realização de hemodiálise. MÉTODOS: Estudo realizado na unidade de terapia intensiva geral de um hospital público terciário. Foram incluídos pacientes maiores de 18 anos, sob ventilação mecânica, com necessidade de suporte dialítico. Cada paciente foi submetido a duas avaliações (pré e pós-diálise referentes a parâmetros cardiovasculares e ventilatórios, mecânica ventilatória e avaliação laboratorial. RESULTADOS: Foram incluídos 80 pacientes com insuficiência renal aguda e crônica. A análise da mecânica ventilatória demonstrou que houve redução da pressão de platô e aumento da complacência estática, após diálise, independentemente da redução da volemia. Pacientes com insuficiência renal aguda também apresentaram redução da pressão de pico (p=0,024 e aumento da complacência dinâmica (p=0,026, enquanto pacientes com insuficiência renal crônica apresentaram aumento da pressão resistiva (p=0,046 e da resistência do sistema respiratório (p=0,044. No grupo de pacientes sem perda volêmica, após diálise, observou-se aumento da pressão resistiva (p=0,010 e da resistência do sistema respiratório (p=0,020, enquanto no grupo com perda >2.000mL observou-se redução da pressão de pico (p=0,027. Não houve alteração na PaO2 e nem na relação PaO2/FiO2. CONCLUSÃO: A hemodiálise foi capaz de alterar a mecânica do sistema respiratório, especificamente reduzindo a pressão de platô e aumentando a complacência estática, independente da redução da volemia.

  15. Dermatose Neutrofílica Febril Aguda: A propósito de um caso clínico.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Edite Marques Mendes

    2017-12-01

    Full Text Available Introdução: O síndrome de Sweet ou dermatose neutrofílica febril aguda, é uma patologia inflamatória incomum caracterizada pelo aparecimento abrupto de lesões cutâneas dolorosas, tipo nódulos, placas ou pápulas eritematosas e edematosas. Febre e leucocitose podem acompanhar as lesões cutâneas, com frequente envolvimento ocular ou de outros órgãos. Pode estar associado a infecção, malignidade ou exposição a fármacos. O tratamento de primeira linha são os glucocorticóides. Caso Clínico: Homem de 65 anos. Recorreu ao serviço de urgência por tosse produtiva e dor torácica. Teve alta com o diagnóstico de traqueobronquite aguda e medicado com amoxicilina e acido clavulânico. Regressou 3 dias depois por aparecimento de lesões cutâneas não pruriginosas e dolorosas. Sem febre. Ao exame objectivo apresentava diversas lesões cutâneas: placas, pápulas e vesiculas, eritematosas, de forma ovóide (as maiores de 2cm, algumas confluentes. Distribuídas pela zona occipital, pescoço, tórax e pelas extremidades superiores, com raras lesões no abdómen e membros inferiores. Apresentava também pigmentação vermelho-violacea periorbital. Analiticamente com leucocitose (14.3908/mm3, com neutrofilia (90%, elevação da proteina C reactiva (25,5mg/dL e da velocidade de sedimentação (80mm. Internado por suspeita de síndrome de Sweet, para estudo etiológico e controlo de sintomas. Electroforese proteínas normal. Resultado histológico da biópsia de pele revelou infiltrado inflamatório neutrofílico difuso cutâneo compatíveis com síndrome de Sweet. Iniciou tratamento com prednisolona 20 mg, com melhoria 72h após o início de corticoterapia. Diagnóstico final: Síndrome de Sweet Clássico/Idiopático. Conclusão: Os autores pretendem descrever um síndrome incomum, muitas vezes no contexto de infecções ou exposição a fármacos. No entanto, salienta-se a associação frequente com patologia neoplásica, pelo que se deve

  16. Uso do sulfato de magnésio por via venosa e nebulização para o tratamento da asma aguda na emergência Use of the intravenous and nebulized magnesium sulfate for the treatment of the acute asthma in the emergence

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fabiano Timbó Barbosa

    2007-09-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: Tem sido mostrado que o sulfato de magnésio apresenta benefícios em adultos e crianças asmáticos, com fraca resposta aos agentes beta-agonistas e corticóides sistêmicos no departamento de emergência. O objetivo deste estudo foi realizar uma revisão não sistemática acerca do tratamento da asma aguda com sulfato de magnésio por via venosa e nebulização na emergência. CONTEÚDO: As primeiras investigações que demonstraram benefício no uso do sulfato de magnésio na asma são de 1938. Os efeitos do sulfato de magnésio podem ser mediados através da ação antagonista do cálcio ou através da função de co-fator em sistemas enzimáticos envolvendo o fluxo iônico através da membrana celular. Foi realizada uma revisão de literatura através da base de dados MedLine nos últimos seis anos (2000 a 2006 e incluídos os artigos publicados na língua inglesa, através do cruzamento dos unitermos asma e sulfato de magnésio. CONCLUSÕES: A administração de rotina do sulfato de magnésio por via venosa e nebulização em pacientes com asma aguda grave que se apresentam no serviço de emergência não é recomendado; entretanto, como um tratamento adjuvante obtém-se algum benefício.BACKGROUND AND OBJECTIVES: Magnesium sulfate has been shown to benefit asthmatic children and adults with poor responses to initial beta-agonist therapy and systemic corticoids in the emergency department. The aim of this study was to realize a no systematic review about the treatment of the acute asthma with intravenous and nebulized magnesium sulfate in the emergence. CONTENTS: The first investigations that demonstrate the benefit in the use of the magnesium sulfate in asthma date to 1938. The effects of magnesium sulfate may be mediated through its action as a calcium antagonist or through its function as a cofactor in enzyme systems involving ion flux across cell membranes. We realized a literature review using Med

  17. Relación entre las infecciones respiratorias agudas altas y el asma bronquial

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Verónica Soler Fonseca

    Full Text Available Introducción: la infección respiratoria es la enfermedad más frecuente en los seres humanos, pues es responsable de la mitad de todas las enfermedades agudas. En Cuba al igual que en el resto del mundo, el asma bronquial constituye un importante problema de salud con incidencia relevante en los niños. Se señala que las infecciones virales están involucradas en la patogénesis del asma, sobre todo en el paciente pediátrico. Objetivo: identificar la influencia de las Infecciones Respiratorias Agudas Altas en la aparición y exacerbación de las crisis de asma bronquial. Métodos: se realizó un estudio descriptivo, transversal y prospectivo de los pacientes ingresados con asma bronquial en el servicio de enfermedades respiratorias del Hospital Pediátrico Docente de San Miguel del Padrón, durante todo el año 2008. Resultados: el tiempo de evolución de la IRAA más frecuente que desencadenó la crisis de asma bronquial fue de más de 7 días, con un 54,8 %. Un total de 188 pacientes presentaron rinofaringitis aguda catarral relacionada con la aparición de la crisis de asma bronquial, lo que representó el 82,4 % del total de la muestra. Conclusiones: predominó el grupo de 1 a 4 años con manifestaciones respiratorias altas de posible etiología viral sin diferencias apreciables en relación con el sexo. La mayoría de los pacientes que participaron en el estudio presentaron IRAA de etiología viral (Rinofaringitis, que precedieron la aparición y exacerbación de las crisis agudas de asma bronquial.

  18. Avaliação da eficácia do uso de fatores de crescimento em orabase e laserterapia no tratamento da mucosite oral em pacientes submetidos ao transplante de células tronco hematopoiéticas.

    OpenAIRE

    Brasil, Catarina da Mota Vasconcelos

    2013-01-01

    A mucosite oral (MO) é uma inflamação aguda da mucosa decorrente do tratamento antineoplásico que pode resultar em dor, pode limitar a fala, a mastigação e aumenta os riscos de desenvolvimento de infecções por microorganismos oportunistas. O objetivo deste estudo pioneiro foi avaliar a eficácia do uso tópico de fatores de crescimento (EGF, IGF, TGFβ3, bFGF) veiculados em orabase, associados a laserterapia para tratamento da MO em pacientes submetidos ao transplante de células tronco hematopoi...

  19. Magnetic fields and acute lymphoblastic leukemia in children: a systematic review of case-control studies Campos magnéticos e leucemia linfocítica aguda em crianças: revisão sistemática de estudos caso-controle

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Daniele Maria Pelissari

    2009-01-01

    Full Text Available Leukemia incidence in children has increased worldwide in recent decades, particularly due to the rise in acute lymphoblastic leukemia. Studies have associated exposure to non-ionizing radiation generated by low frequency magnetic fields with childhood leukemia. The current article reviews the case-control studies published on this subject. Of 152 articles tracked in different databases, ten studies from North America, Asia, and Europe met the defined selection criteria, with patients diagnosed from 1960 to 2004. Methodological limitations were observed in these articles, including difficulties with the procedures for assessing exposure. An association may exist between exposure to low frequency magnetic fields and acute lymphoblastic leukemia in children, but this association is weak, preventing the observation of consistency in the findings. Future studies from a wider range of geographic regions should focus on the analysis of acute lymphoblastic leukemia, which is the subtype with the greatest impact on the increasing overall incidence of childhood leukemia.A incidência de leucemias em crianças tem aumentado nas últimas décadas no mundo, com influência predominante da leucemia linfocítica aguda, principal subtipo em crianças. Estudos têm relacionado a exposição às radiações não-ionizantes geradas pelos campos magnéticos de baixa freqüência com leucemia infantil. Neste artigo foram revisados os estudos caso-controle publicados sobre essa questão. Dos 152 artigos localizados em diferentes bases de dados, dez estudos da América do Norte, Ásia e Europa preencheram os critérios de seleção, comportando pacientes diagnosticados entre 1960 e 2004. Algumas limitações metodológicas foram observadas como dificuldades nos procedimentos de avaliação da exposição. É possível a existência de associação entre exposição a campos magnéticos de baixa freqüência e leucemia linfocítica aguda em crianças, porém, a for

  20. Aspectos ultra-sonográficos da trombose da veia porta Ultrasonographic features of portal vein thrombosis

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Márcio Martins Machado

    2006-04-01

    Full Text Available A trombose da veia porta pode estar associada a várias alterações, como a presença de tumores (por exemplo: hepatocarcinoma, doença metastática hepática e carcinoma do pâncreas, pancreatite, hepatite, septicemia, trauma, esplenectomia, derivações porto-cava, estados de hipercoagulabilidade (por exemplo: gravidez, em neonatos (por exemplo: onfalite e cateterização da veia umbilical e desidratação aguda. Os autores discutem, neste artigo, os aspectos ultra-sonográficos da trombose de veia porta e alguns aspectos de relevância clínica.Portal vein thrombosis may be associated with many alterations, such as the presence of tumors (for example, hepatocellular carcinoma, metastatic liver disease and carcinoma of the pancreas as well as pancreatitis, hepatitis, septicemia, trauma, splenectomy, portacaval shunts, hypercoagulable conditions (for example, pregnancy, in neonates (for example, omphalitis and umbilical vein catheterization and in acute dehydration. The authors discuss herein the sonographic features of portal vein thrombosis as well as some aspects of clinical relevance.

  1. Caracterización epidemiológica de la descompensación aguda del asma bronquial

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Yanin Arteaga Prado

    2013-08-01

    Full Text Available Introducción: el asma bronquial tiene una compleja fisiopatología que involucra la presencia en el paciente de factores genéticos de atopia, mecanismos inmunológicos disfuncionales. Objetivo: caracterizar la asociación de diversos aspectos epidemiológicos con la aparición de descompensaciones agudas del asma bronquial. Material y método: se realizó un estudio descriptivo y transversal a 118 pacientes del área de dos consultorios médicos del Policlínico Universitario "Hermanos Cruz" de la Ciudad de Pinar del Río durante el primer trimestre del 2012. Se comparó el grupo de pacientes que presentaron descompensaciones de la enfermedad con el grupo de pacientes que no se descompensó. Se aplicó un cuestionario para explorar las variables de interés. Para verificar la asociación entre variables se utilizó el estadígrafo ji cuadrado para un valor de significación estadística á=0.05. Resultados: las descompensaciones agudas fueron casi dos veces más frecuentes en el sexo femenino. De manera muy significativa (Z=3,26 p<0,01 una tercera parte de los asmáticos de su enfermedad; las amas de casa y los estudiantes fueron los más afectados. Solo el 38,1 % de los asmáticos tuvo un adecuado seguimiento por un especialista (clínico, pediatra, alergólogo o inmunólogo y de estos solo el 11,1 % presentaron descompensaciones agudas, en tanto se descompensó un 39,7 % de los que no tienen seguimiento especializado. Conclusiones: la degradación de las condiciones de la vivienda favoreció la aparición de descompensaciones agudas del asma. En tres cuartas partes de las casas había animales domésticos, existiendo una fuerte asociación entre esta condición y la aparición de descompensaciones agudas del paciente asmático.

  2. Surgical treatment of penetrating atherosclerotic ulcer of the descending aorta

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Kovačević Pavle

    2013-01-01

    Full Text Available Introduction. The term “penetrating atherosclerotic ulcer” (PAU of the aorta describes the condition in which ulceration of an aortic atherosclerotic lesion penetrates the internal elastic lamina into media. PAU is a high-risk lesion due to its deleterious effects on the integrity of aortic wall, with potentially fatal outcome. Case report. A patient with intensive, sharp chest pain irradiating to the back but with no signs of myocardial ischemia on an electrocardiogram was referred to our hospital. Transthoracic echocardiography showed no pathological changes of the ascending aorta. However, multislice computed tomography (CT showed an aortic ulcer with varying degree of the subadventitial hemorrhage in the region of the thoracic aorta at the level of Th 8-9. Due to imminent rupture of the penetrating aortic ulcer, the patient was promptly prepared for surgery. A 15 cm long subadventitial hematoma was found intraoperatively in the right posterolateral aspect of the descending aorta, 5 cm above the diaphragm and 7 cm below the origin of the left subclavial artery. The affected segment of the aorta was resected, followed by an inlay aortic reconstruction with a Dacron tube graft of 24 mm. Control CT revealed satisfactory reconstruction of the descending aorta. Conclusion. PAU is a rare, but potentially fatal disease. Open surgery in patients with PAU is an effective treatment strategy, although endovascular treatment options are emerging.

  3. Investigation of pulsatile flowfield in healthy thoracic aorta models.

    Science.gov (United States)

    Wen, Chih-Yung; Yang, An-Shik; Tseng, Li-Yu; Chai, Jyh-Wen

    2010-02-01

    Cardiovascular disease is the primary cause of morbidity and mortality in the western world. Complex hemodynamics plays a critical role in the development of aortic dissection and atherosclerosis, as well as many other diseases. Since fundamental fluid mechanics are important for the understanding of the blood flow in the cardiovascular circulatory system of the human body aspects, a joint experimental and numerical study was conducted in this study to determine the distributions of wall shear stress and pressure and oscillatory WSS index, and to examine their correlation with the aortic disorders, especially dissection. Experimentally, the Phase-Contrast Magnetic Resonance Imaging (PC-MRI) method was used to acquire the true geometry of a normal human thoracic aorta, which was readily converted into a transparent thoracic aorta model by the rapid prototyping (RP) technique. The thoracic aorta model was then used in the in vitro experiments and computations. Simulations were performed using the computational fluid dynamic (CFD) code ACE+((R)) to determine flow characteristics of the three-dimensional, pulsatile, incompressible, and Newtonian fluid in the thoracic aorta model. The unsteady boundary conditions at the inlet and the outlet of the aortic flow were specified from the measured flowrate and pressure results during in vitro experiments. For the code validation, the predicted axial velocity reasonably agrees with the PC-MRI experimental data in the oblique sagittal plane of the thoracic aorta model. The thorough analyses of the thoracic aorta flow, WSSs, WSS index (OSI), and wall pressures are presented. The predicted locations of the maxima of WSS and the wall pressure can be then correlated with that of the thoracic aorta dissection, and thereby may lead to a useful biological significance. The numerical results also suggest that the effects of low WSS and high OSI tend to cause wall thickening occurred along the inferior wall of the aortic arch and the

  4. Histoplasmose pulmonar aguda no Rio Grande do Sul Acute pulmonary histoplasmosis in the State of Rio Grande do Sul, Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Gisela Unis

    2005-02-01

    Full Text Available INTRODUÇÃO: A histoplasmose pulmonar aguda depende da inalação de uma grande quantidade de propágulos fúngicos por um paciente hígido. O tempo de exposição determina a gravidade da doença. Uma epidemia é influenciada por fatores que afetam o crescimento e a transmissão do Histoplasma capsulatum var. capsulatum na natureza. OBJETIVO: Identificar os aspectos epidemiológicos e clínico-laboratoriais dos pacientes com histoplasmose pulmonar aguda no Rio Grande do Sul e compará-los com as microepidemias relatadas no Brasil. MÉTODO: Foram revisados 212 prontuários clínicos de pacientes com histoplasmose dos arquivos do Laboratório de Micologia do Complexo Hospitalar Santa Casa de Porto Alegre (RS num período de 25 anos (1977-2002. Foram identificados e incluídos no estudo os casos de histoplasmose pulmonar aguda com cultivo positivo e/ou achado histopatológico compatível. As microepidemias foram diagnosticadas com a comprovação de um caso ou evidência soromicológica com história clínica compatível. Foram revisadas as microepidemias publicadas no Brasil. RESULTADOS: Dezoito de um total de 212 pacientes (8,5% foram incluídos no trabalho. A idade variou de 8 a 63 anos (média de 35,4; mediana de 34,5, e 67% eram do sexo masculino. A história epidemiológica foi sugestiva em 11 pacientes (61%. O tipo primário de histoplasmose pulmonar aguda foi o mais freqüente (17; 95%. Houve predomínio de casos isolados. CONCLUSÃO: O reconhecimento de casos isolados e a presença de microepidemias demonstram a abundância do H. capsulatum no solo, e juntamente com a ocorrência de todas as formas da doença, confirmam o Rio Grande do Sul como hiperendêmico para histoplasmose.BACKGROUND: Acute pulmonary histoplasmosis is a respiratory infection occurring when an otherwise healthy individual inhales a large quantity of fungal propagules. Length of exposure determines disease severity. An epidemic is influenced by factors affecting the

  5. Anomalous Posterior Intercostal Arterial Trunk Arising From the Abdominal Aorta

    Energy Technology Data Exchange (ETDEWEB)

    Jie, Bing, E-mail: jbshh@163.com; Yu, Dong, E-mail: yudong-mail@126.com; Jiang, Sen, E-mail: jasfly77@vip.163.com [Tongji University School of Medicine, Department of Radiology, Shanghai Pulmonary Hospital (China)

    2016-04-15

    A common trunk of the ipsilateral posterior intercostal artery (PIA) arising from the thoracic aorta is usually an anatomical variation. However, a common trunk of bilateral posterior intercostal arterial trunk (PIAT) arising from the abdominal aorta is rare. It is important to recognize this anatomical variation of PIA when performing interventional radiological procedures. We present a rare case of an anomalous PIAT that originated from the abdominal aorta in a patient with hemoptysis caused by tuberculosis sequelae. Bilateral 4th to 11th PIAs arose from a common trunk and the trunk arising from the posterior aspect of the abdominal aorta at the level of T12/L1 intervertebral space. The pathological right 4th and 5th PIAs and bronchial arteries were embolized. Hemoptysis has been controlled for 3 months.

  6. Nuevo enfoque de la interpretación del dolor en una pulpitis aguda

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Andrés O Pérez Ruiz

    2000-04-01

    Full Text Available El dolor es probablemente el principal motivo de consulta en las urgencias estomatológicas y es precisamente el dolor de la pulpitis aguda el que comentamos en este trabajo. El dolor pulpar en sí mismo es similar al dolor que resulta por inflamación de los órganos viscerales y, por lo tanto, podrían ser inadecuados los intentos de explicarlos por comparación con los nociceptores de estructuras somáticas. Se propone analizar el comportamiento del dolor como consecuencia de una pulpitis aguda, con un nuevo enfoque, asimilándolo como el dolor proveniente de estructuras viscerales con manifestaciones dolorosas alejadas del sitio o zona dañada y en el propio diente en que el tejido ha sido injuriado y evoluciona rápidamente hacia la necrosis. Establecemos una analogía entre el dolor visceral como el generado de la pulpa y el del tipo somático profundo como el correspondiente a la afectación periapical por rápida evolución de la inflamación hacia la necrosis.Pain is probably the chief complaint in dental emergencies and this paper deals precisely with the pain caused by acute pulpitis. The pulpar pain itself is similar to the one resulting from inflammation of the visceral organs and, therefore, the attempts to explain these pains by comparing them with the nociceptors of somatic structures may be inappropiate. It is our objective to analyze the behaviour of pain caused by acute pulpitis with a new approach, assimilating it as the pain from visceral structures with painful manifestations far from the damaged site or zone and it is the own tooth whose tissue has been affected and evolves rapidly to necrosis.We establish an analogy between the visceral pain as the one generated by the pulpa and that of deep somatic type as the corresponding to the periapical affection by the fast evolution of inflammation to necrosis.

  7. Transplante de células-tronco hematopoéticas e leucemia mieloide aguda: diretrizes brasileiras Hematopoietic stem cells transplantation and acute myeloid leukemia: Brazilian guidelines

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Lucia Mariano R. Silla

    2010-05-01

    Full Text Available O objetivo deste trabalho foi definir diretrizes para a indicação do transplante de células-tronco hematopoéticas (TCTH no tratamento da leucemia mieloide aguda (LMA no Brasil. O papel do TCTH no tratamento da LMA foi discutido pelosautores e apresentado para a Sociedade Brasileira de Transplante de Medula Óssea na reunião sobre Diretrizes Brasileiras para o TCTH, que o ratificou. Este consenso foi baseado na revisão da literatura internacional e na experiência brasileira em TCTH para o tratamento da LMA. O tratamento ideal para leucemia mieloide aguda em primeira remissão completa (1RC ainda não está definido. Há consenso na indicação do TCTH alogênico, com condicionamento mieloablativo, para pacientes que apresentem alterações citogenéticas consideradas de alto risco. O TCTH alogênico não está indicado na 1RC para pacientes de baixo risco citogenético e, aparentemente, o TCTH alogênico, autólogo ou a quimioterapia de consolidação são equivalentes para os pacientes de risco intermediário.The objective of this work was to define guidelines for the indication of hematopoietic stem cells transplantation (HSCT in the treatment of acute myeloid leukemia (AML in Brazil. The role of HSCT in the treatment of AML was discussed by the authors and presented to the Brazilian Society of Bone Marrow Transplantation in a meeting to formulate and ratify the Brazilian Guidelines on HSCT. This consensus was based on a review of international publications and on the Brazilian experience in HSCT for the treatment of AML. The optimal treatment for AML in first complete remission (1CR has not been defined yet. There is consensus on the indication of allogeneic HSCT with myeloablative conditioning for patients who present high risk cytogenetic changes. Allogeneic HSCT is not indicated for low cytogenetic risk 1RC patients and, apparently, allogeneic and autologous HSCT and consolidation chemotherapy are similar for intermediate risk

  8. Avaliação da toxicidade aguda e potencial neurotóxico do óleo-resina de copaíba (Copaifera reticulata Ducke, Fabaceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Camile Giaretta Sachetti

    Full Text Available O óleo-resina de copaíba obtido do gênero Copaifera L., Fabaceae, é largamente utilizado na medicina popular como antiinflamatório, antimicrobiano e antitumoral. Porém, informações sobre seu potencial tóxico são escassos na literatura. O objetivo deste estudo foi estabelecer a toxicidade oral aguda e os possíveis efeitos neurotóxicos relacionados à ingestão do óleo-resina de Copaifera reticulata Ducke, Fabaceae, em ratas Wistar. O estudo foi conduzido com quinze ratas nulíparas distribuídas nos grupos de doses 300 e 2000 mg/kg pc de óleo-resina administrado por gavagem. Os resultados obtidos mostraram que nestas doses não houve sinais clínicos de toxicidade ou neurotoxicidade, alteração no consumo de ração ou alteração no peso corpóreo. A dose letal aguda foi estimada como maior que 2000 mg/kg pc e classificada como categoria 5, segundo o Guia OECD 423. Estes resultados indicam que existe uma relativa margem de segurança para o uso do óleo-resina de copaíba como agente terapêutico, embora estudos toxicológicos adicionais sejam ainda necessários, principalmente com a administração repetida de baixas doses.

  9. Budesonida inalatória em crianças com asma aguda Nebulized budesonide to treat acute asthma in children

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Geórgia K. M. Milani

    2004-04-01

    Full Text Available OBJETIVO: Avaliar a eficácia de budesonida na forma de suspensão, em dose única para inalação, como tratamento adjunto ao b2 inalatório, comparada com dose única de prednisona por via oral, em pacientes com crise aguda de asma. MÉTODO: Estudo prospectivo, randômico, paralelo, duplo-cego, duplo-placebo. Foram selecionadas 49 crianças, com idade entre 2 e 7 anos, em crise aguda de asma, que, após inalação com salbutamol (0,15 mg/kg, foram divididas em três grupos. O grupo I foi tratado com placebo via oral e inalatório; o grupo II, com prednisona via oral (1 mg/kg e placebo inalatório; e o grupo III, budesonida inalatória (2 mg e placebo via oral. As avaliações foram realizadas pela aplicação de um escore clínico e medida da saturação transcutânea da hemoglobina, seqüencialmente até 72 horas. Caso o escore clínico fosse igual ou superior ao da avaliação inicial, e a saturação inferior à primeira avaliação, a inalação com b2 adrenérgico era repetida. RESULTADOS: A melhora do escore clínico foi progressiva a partir de 30 minutos, e não houve diferença significativa nos três grupos estudados. Ocorreu aumento significativo da saturação da hemoglobina em relação ao valor inicial, com 2 horas no grupo prednisona, 4 horas no grupo budesonida e 24 horas no grupo placebo. CONCLUSÃO: O número de inalações com broncodilatador foi semelhante nos três grupos, com uma média de 2,9 no grupo placebo; 2,7 no grupo prednisona; e 2,5 no grupo budesonida. Em geral, as drogas estudadas foram bem toleradas, com efeitos colaterais semelhantes ao placebo. A administração de dose única de budesonida inalatória associada ao salbutamol, na crise moderada de asma, promoveu melhora clínica comparável à da prednisona oral. A recuperação da saturação transcutânea da hemoglobina foi mais rápida com prednisona.OBJECTIVE: To investigate the efficacy of a single dose of inhaled budesonide as compared to oral

  10. Cuidados de enfermagem na prevenção da insuficiência renal provocada por contraste após cateterismo Cuidados de enfermagem na prevenção da insuficiência renal provocada por contraste após cateterismo Nursing care in the prevention of renal failure caused by post-catheterism contrast

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Flavia Giron Camerini

    2008-01-01

    Full Text Available O estudo teve como objetivo identificar produções científicas de enfermagem sobre insuficiência renal aguda provocada por contraste iodado após cateterismo cardíaco, no período de 2002 a 2007, analisando sua aplicabilidade à prática. Foi realizada ainda uma análise crítica das produções científicas selecionadas, delineando os cuidados de enfermagem. Este estudo é uma pesquisa bibliográfica de artigos de enfermagem, encontrados através de busca computadorizada. Dos 47 artigos encontrados, 10 foram selecionados por terem atendido os critérios de inclusão. Após a análise dos artigos, verificamos a importância da atuação do enfermeiro na prevenção da insuficiência renal aguda provocada por contraste. Além disso, evidenciamos a melhor prática de enfermagem para a prevenção da insuficiência renal aguda provocada por contraste.El presente estudio tuvo como objetivo identificar producciones científicas de enfermería sobre la insuficiencia renal aguda provocada por contraste yodado después del cateterismo cardíaco, en el período de 2002 a 2007, analizando su aplicabilidad a la práctica. Se realizó además el análisis crítico de las producciones científicas seleccionadas, delineando los cuidados de enfermería. Este estudio es una investigación bibliográfica de artículos de enfermería, encontrados por medio de búsqueda computarizada. De los 47 artículos encontrados, 10 fueron seleccionados por haber atendido a los criterios de inclusión. Después del análisis de los artículos, verificamos la importancia de la actuación del enfermero en la prevención de la insuficiencia renal aguda provocada por contraste. Además de lo referido, evidenciamos una mejor práctica de enfermería para la prevención de la insuficiencia renal aguda provocada por contraste.The purpose of this study was to identify the nursing scientific production on acute renal failure caused by post-catheterism iodized cardiac contrast

  11. Soporte nutricional en la insuficiencia renal aguda

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    O. Cristina Olivos, Dra.

    2010-07-01

    Full Text Available La insuficiencia renal aguda (IRA se presenta frecuentemente en distintas condiciones clínicas y es especialmente frecuente en unidades de cuidados intensivos. La presencia de IRA se considera como un factor de riesgo independiente de morbilidad y mortalidad hospitalaria. De ahí la importancia de evaluar los diversos factores determinantes de su evolución, entre los que cuenta la desnutrición calórico-proteica. El propósito de esta revisión es analizar la literatura más relevante hasta la actualidad en este tema.

  12. Surto de aflatoxicose aguda em cães no município de Pelotas/RS

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Karina Guterres

    Full Text Available RESUMO: As aflatoxinas pertencem ao grupo das micotoxinas e são substâncias sintetizadas durante a multiplicação de fungos que podem contaminar alimentos e rações animais, produzindo efeitos agudos ou crônicos naqueles que os consomem. Os cães são sensíveis aos efeitos tóxicos das aflatoxinas, havendo dificuldades de diagnóstico definitivo desta doença devido a fatores, como a inespecificidade dos sinais clínicos e o custo elevado da análise da presença de toxinas na alimentação. Desta forma, o objetivo deste artigo foi relatar um surto de aflatoxicose em dezoito caninos, no município de Pelotas - RS, no qual apenas um canino não veio a óbito, após a ingestão de quirelas de milho e arroz contaminadas. O diagnóstico definitivo de aflatoxicose aguda foi obtido através dos dados da anamnese, exames complementares, resultados de necropsia e histopatologia, além de análise da presença de toxinas na alimentação dos animais. Na necropsia observou-se degeneração e necrose hepática severa e na análise das amostras de alimento foi constatada a presença de aflatoxinas B1, B2, G1 e G2, em um somatório de 898,2μg/kg na quirela de milho e de 409,86μg/kg na de arroz. Assim sendo, medidas de conscientização acerca do controle e prevenção das micotoxicoses devem ser tomadas, salientando os possíveis danos à saúde dos animais. Além disto, métodos de identificação de micotoxinas, devem ser implementados na rotina hospitalar, incluindo a análise da ração oferecida, visto que a aflatoxicose, muitas vezes é subestimada.

  13. TOXICIDAD AGUDA DE Aleurites moluccana POR VIA ORAL EN RATAS SPRAGUE-DAWLEY

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Laura Rocío Orellana-Cuéllar

    2014-12-01

    Full Text Available Objetivo: Determinar la toxicidad aguda por Aleurites moluccana por administración oral en ratas Sprague-Dawley. Metodología: Estudio experimental realizado en el Instituto de Patología de la Facultad de Medicina-UNMSM. Se usaron treinta ratas Sprague-Dawley, hembras y machos, de 6 semanas de edad. Se formaron aleatoriamente tres grupos de diez ratas: grupo A1, recibió 8,2 mg/Kg de peso de A. moluccana; grupo  A2, recibió 2000 mg/Kg de peso de A. moluccana; grupo control, recibió agua ad libitum. Se evaluaron los signos clínicos de toxicidad, los pesos, variables bioquímicas y las características histopatológicas de hígado, riñón, corazón, intestino, bazo y gónadas. Se consideró significativo un p0,05. Los grupos  A1 y A2 presentaron signos clínicos de toxicidad y la muerte de tres ratas; células hepáticas binucleadas y regenerativas en el hígado; y hemorragia glomerular en el riñón. Conclusiones: Las variables clínicas e histopatológicas en hígado y riñón demostraron que la Aleurites moluccana produce toxicidad aguda, las variables bioquímicas no demostraron este efecto. Palabras Claves: Aleurites moluccana, Toxicidad aguda, Ratas Sprague-Dawley.

  14. Depressão Psicótica no Idoso: Desafio Diagnóstico e Papel da Eletroconvulsivoterapia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ricardo Coentre

    2016-01-01

    Full Text Available Os autores descrevem o caso clínico de um doente com 69 anos com depressão psicótica e sintomas físicos exuberantes. Dados os sintomas físicos significativos e o escalão etário foi efetuada avaliação médica que permitiu excluir doença orgânica. Apesar da terapêutica psicofarmacológica realizada, o doente não apresentou melhoria clínica significativa. Foi efetuada terapêutica eletroconvulsiva ainda na fase aguda, e por recidiva sob terapêutica antidepressiva, também de continuação e de manutenção. Atingiu-se assim uma remissão total do quadro clínico e de funcionamento, tendo o doente retomado a sua atividade profissional. O relato deste caso justifica-se pela sua apresentação peculiar e pelo benefício alcançado com a realização da eletroconvulsivoterapia (aguda e de continuação/manutenção, associado a terapêutica psicofarmacológica que garantiu uma remissão clínica significativa.

  15. Digital subtraction angiography of the thoracic aorta

    International Nuclear Information System (INIS)

    Grossman, L.B.; Buonocore, E.; Modic, M.T.; Meaney, T.F.

    1984-01-01

    Forty-three patients with acquired and congenital abnormalities of the thoracic aorta were studied using digital subtraction angiography (DSA) after an intravenous bolus injection of 40 ml of contrast material. Abnormalities studied included coarctation, pseudocoarctation, Marfan syndrome, cervical aorta, double aortic arch, aneurysm, dissection, and tumor. Twenty-four patients also had conventional angiography. DSA was accurate in 95% of cases; in the other 5%, involving patients with acute type I dissection, the coronary arteries could not be seen. The authors concluded that in 92% of their patients, DSA could have replaced the standard aortogram

  16. Pseudoprominent aorta: Radiographic findings and CT correlation

    International Nuclear Information System (INIS)

    Brown, K.T.; Shepard, J.A.O.; Stewart, W.J.

    1985-01-01

    The presence of a persistent left-sided superior vena cava (LSVC) in the absence of a right-sided superior vena cava (RSVC) may be suspected on a posteroanterior (PA) chest radiograph because of a prominent-appearing ascending aorta, which results from the absence of the RSVC. In the absence of an RSVC, the right upper lobe abuts and outlines the course of the ascending aorta, allowing better demonstration of its profile. This report describes a patient with this finding on a PA chest radiograph. Computed tomographic correlation is presented

  17. Digital subtraction angiography of the thoracic aorta

    Energy Technology Data Exchange (ETDEWEB)

    Grossman, L.B.; Buonocore, E.; Modic, M.T.; Meaney, T.F.

    1984-02-01

    Forty-three patients with acquired and congenital abnormalities of the thoracic aorta were studied using digital subtraction angiography (DSA) after an intravenous bolus injection of 40 ml of contrast material. Abnormalities studied included coarctation, pseudocoarctation, Marfan syndrome, cervical aorta, double aortic arch, aneurysm, dissection, and tumor. Twenty-four patients also had conventional angiography. DSA was accurate in 95% of cases; in the other 5%, involving patients with acute type I dissection, the coronary arteries could not be seen. The authors concluded that in 92% of their patients, DSA could have replaced the standard aortogram.

  18. Pseudoprominent aorta: Radiographic findings and CT correlation

    Energy Technology Data Exchange (ETDEWEB)

    Brown, K.T.; Shepard, J.A.O.; Stewart, W.J.

    1985-05-01

    The presence of a persistent left-sided superior vena cava (LSVC) in the absence of a right-sided superior vena cava (RSVC) may be suspected on a posteroanterior (PA) chest radiograph because of a prominent-appearing ascending aorta, which results from the absence of the RSVC. In the absence of an RSVC, the right upper lobe abuts and outlines the course of the ascending aorta, allowing better demonstration of its profile. This report describes a patient with this finding on a PA chest radiograph. Computed tomographic correlation is presented.

  19. AVALIAÇÃO DA EFICIÊNCIA DE UM SISTEMA DE TRATAMENTO DA ÁGUA EM PEQUENA PROPRIEDADE RURAL, UTILIZANDO BIOENSAIOS

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Geani Mohr

    2013-07-01

    Full Text Available O trabalho teve como objetivo avaliar a toxicidade aguda do efluente de um sistema de tratamento de água em pequena propriedade rural, utilizando Daphnia magna Straus como organismo-teste. Os processos empregados no tratamento foram: tratamento primário (reatores anaeróbios, tratamento secundário/terciário (Wetlands construídos - WC’s e tratamento final (sistema de desinfecção Ultra Violeta - UV. Entre os meses de dezembro e junho de 2012, foram coletadas 30 amostras de cinco fases distintas (Bruto - P1, Água da Chuva - P2, Reator anaeróbico de fluxo ascendente e manta de lodo (UASB - P3, WC’s-P4 e desinfecção com UV - P5. Os resultados indicaram toxicidade aguda em P1, com uma CE(I50% 48h de 25,8 ± 23,64% (n = 6; CV = 109,2%, correspondendo a uma amostra altamente tóxica. Nos pontos P2 e P3, as amostras apresentaram uma CE(I50% 48h de 5,1% ± 3,5% (n = 6; CV = 145,7% e 36,7 ± 23,9% (n = 6; CV = 153,5%, correspondendo a uma amostra extremamente tóxica e altamente tóxica, respectivamente. Os efluentes dos pontos P4 (n = 6 e P5 (n = 6 não apresentaram toxicidade. Desta forma, os resultados demonstraram a eficiência da capacidade de detoxificação dos processosWC’s e UV.

  20. Abdominal aorta coarctation: The first three case reports in our literature

    OpenAIRE

    Gajin Predrag; Tanasković Slobodan; Nenezić Dragoslav; Ilijevski Nenad; Radak Đorđe

    2010-01-01

    Introduction. Congenital coarctation of the thoracic aorta at the ligamentum arteriosum or the aortic arch is well recognized. But a much less common variety (0.5-2.0%) of aortic coarctation is located in the distal thoracic aorta or abdominal aorta or both and is often called 'middle aortic syndrome' or 'midaortic dysplastic syndrome'. This represents serious pathological condition and indicates multidisciplinary therapy approach. Outline of Cases. From 1996 to 2007, at the Vascular Surgery ...

  1. Insuficiencia renal aguda en pacientes de la Unidad de Cuidados Intensivos, Hospital Regional de Cuilapa, Santa Rosa, Guatemala

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ronald J. Ajcalon

    2017-03-01

    Full Text Available La insuficiencia renal aguda, es una condición común en la Unidad de Cuidados Intensivos de Adultos (UCIA y probablemente una consecuencia de la enfermedad crítica que se asocia a resultados clínicos adversos, altos costos y una mortalidad de más del 50%, sobre todo si se requiere tratamiento de reemplazo renal. El objetivo fue determinar la incidencia de insuficiencia renal aguda en pacientes ingresados a la UCIA. El estudio fue prospectivo, longitudinal, observacional, en 101 pacientes ingresados en la UCIA del Hospital Regional de Cuilapa. Se diagnosticaron 101 pacientes durante el periodo de estudio con insuficiencia renal aguda represento el 27.4% del total de pacientes internados (368 en el servicio en un año. La incidencia de mortalidad en pacientes que requieren terapia de reemplazo renal y se encuentran en ventilación mecánica es del 100%. Del total de pacientes estudiados, según la escala Akin, se encontró que el 49.5% de los pacientes correspondían a grado II, aunque el grado I también fue frecuente (29%, y que el 22 % de los pacientes correspondían a grado III. La patología que mayormente se asoció al desarrollo de insuficiencia renal aguda fue sepsis grave con un 31%, seguido de pacientes sometidos a cirugía mayor e hipovolemia con el 21 y 18% respectivamente. Se halló una incidencia aumentada de insuficiencia renal aguda comparado con estadísticas internacionales, cuya etiología fue mayormente causada por procesos sépticos.

  2. Comprometimento da medula óssea e eosinofilia na paracoccidioidomicose

    OpenAIRE

    Shikanai-Yasuda,M.A.; Higaki,Y.; Uip,D.E.; Mori,N.S.; Del Negro,G.; Melo,N.T.; Hutzler,R.U.; Amato Neto,V.

    1992-01-01

    São descritos 3 casos de paracoccidioidomicose com a forma aguda da doença, nos quais formas leveduriformes de Paracoccidioides brasiliensis foram visualizadas ao exame direto de medula óssea, sendo a cultura também positiva em um caso. Salienta-se o acometimento do sistema fagocítico-mononuclear e a ausência de resposta às provas cutâneas de hipersensibilidade tardia a antígenos microbianos e de P. brasiliensis em todos, bem como a gravidade do quadro clínico e lesões ósseas generalizadas em...

  3. Linfonodo pulmonar na paracoccidioidomicose aguda infantil (relato de um caso

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Evanil Pires de Campos

    1992-09-01

    Full Text Available Observou-se a evolução de um linfonodo pulmonar na paracoccidioidomicose (PCM aguda infantil. Doente, masculino, 6 anos, branco, natural de Curitiba (PR, procedente de Guaratinguetá (SP, que há 3 meses desenvolveu quadro gripal, febre diária, bimodal, prolongada, precedida de calafrio, acompanhada de sudorese inodora, cefaléia frontal e anorexia. Diagnosticado e tratado como pneumonia por cinco dias, sem melhora do quadro. Há 2 meses, apresentou dor óssea nos braços e articulações do pé, com edema inflamatório e emagrecimento de 6 kg em 3 meses. Exame físico revelou: peso 20 kg; estatura 120 cm; P. A. 90/60 mmHg; facies atípica, hipoativo, palidez cutâneo-mucosa (+ +, hipotrofia muscular, adenopatiageneralizada, sopro sistólico suave em foco aórtico acessório e hepatesplenomegalia. Imunodifusão com exoantígeno glicoprotéico 43 kdpositiva (1/32. A biópsia de gânglio revelou Paracoccidioides brasiliensis. A radiologia demonstrou na primeira consulta, discreto infiltrado intersticial bilateral com linfoadenomegaliapara-hilar que desaparecu em 30 dias. Observou- se, ainda, massa tumoral mediastínica superior, hiperplasia do sistema fagocítico mononuclear e lesões osteolíticas nos 60 dias iniciais da evolução.

  4. Intoxicação aguda por cobre em ovinos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marcele Bettim Bandinelli

    2013-10-01

    Full Text Available Descrevem-se casos de intoxicação aguda por cobre em ovinos da raça Santa Inês, numa propriedade rural, no Rio Grande do Sul. Três ovelhas recém-paridas, que consumiam ração formulada para bovinos, ingeriram, avidamente, sal mineral comercial para bovinos e apresentaram doença clínica e morte, uma semana após a introdução do sal. Os animais desenvolveram anorexia, permaneceram em decúbito lateral, o qual evoluiu para esternal e apresentaram fasciculação e rigidez muscular generalizada, antes de morrerem. À necropsia de um desses animais, as principais alterações foram hepatomegalia moderada e acentuação do padrão lobular hepático, além de erosões e ulcerações multifocais aleatórias na mucosa abomasal. Na avaliação histológica do fígado, havia necrose hepatocelular centrolobular acentuada e difusa, tumefação de hepatócitos, predominantemente, na região periportal, além de pequena quantidade de células de Kupffer com pigmento granular citoplasmático. O diagnóstico baseou-se na história clínica, nos achados de necropsia e histopatológicos e confirmou-se pelas altas concentrações de cobre detectadas no tecido hepático e nas amostras de ração e sal mineral.

  5. The problem of calcified ascending aorta during aortocoronary bypass

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Nežić Duško G.

    2004-01-01

    Full Text Available Heavily calcified ascending aorta significantly increased morbidity and lethality during open-heart surgery. Cannulation and clamping (partial or total of severely atherosclerotic ascending aorta can easily cause damage and rupture of aortic wall, with consequential distal (often fatal embolization with atheromatous debris (brain, myocardium. From June 1998. until June 2000, 11 of 2 136 (0.5% patients who underwent coronary artery bypass grafting were with the severe atheromatous ascending aorta. The site of cannulation was in the aortic arch in three patients (aorta was occluded with Foley catheter in one case, and single clamp technique was used in the other two cases. The femoral artery was the cannulation site in other five cases. Profound hypothermia, ventricular fibrillation, and circulatory arrest, with no cross-clamping or cardioplegia, were used in three patients. Two patients were operated on with extracorporeal circulation, one in normothermia, on the beating heart, the other in moderate hypothermia, on fibrillating heart. In three patients myocardial revascularization was performed on the beating heart, in normothermia, without extracorporeal circulation. Postoperative course was uneventful in all 11 patients. Neither atheroembolism in the peripheral organs, nor atheroembolism of the extramities occurred. The proposed surgical approaches have the potential to reduce the prevalence of stroke and systemic embolization associated with coronary artery bypass grafting in patients with heavily calcified ascending aorta. This result was achieved due to the applied modifications of standard cardiosurgical technique.

  6. Miopia aguda induzida por topiramato: relato de dois casos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Kathy Dadam Sgrott

    2011-06-01

    Full Text Available RESUMO A miopia aguda pode ser desencadeada pelo uso de medicações sistêmicas, dentre elas, o anticonvulsivante topiramato. Este trabalho descreve dois casos de pacientes jovens com quadro agudo bilateral de miopia induzida por terapia com topiramato para controle de síndrome depressiva, fazendo relação com casos semelhantes descritos na literatura e revisão bibliográfica pertinente.

  7. Vascularização arterial do trato gastrointestinal da Trachemys scripta elegans, Wied, 1838

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rosângela Felipe Rodrigues

    2003-01-01

    Full Text Available Estudamos a irrigação do esôfago, ventrículo gástrico, pâncreas e intestinos de 30 tartarugas da espécie Trachemys scripta elegans injetados com substância látex, onde evidenciamos duas aorta, sendo aorta direita e esquerda, que em 100,00% dos casos apresenta um trato anastomótico entre elas, ao nível da emergência da artéria celíaca. A artéria mesentérica cranial é responsável pela irrigação do jejuno, íleo, ceco, colo ascendente, colo transverso em 100,00% dos casos. Já a artéria mesentérica caudal origina-se da artéria ilíaca interna no antímero direito, em 26 preparações (86,60%, e no antímero esquerdo em 03 casos (13,30%. Em 01 preparação (3,30% a artéria mesentérica caudal, no antímero direito, origina-se a partir das artérias ilíacas direita e esquerda.

  8. Nail and bone surface as indicators of acute exposure to fluoride in rats Unha e superfície óssea como indicadores da exposição aguda em ratos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marília Afonso Rabelo Buzalaf

    2004-12-01

    Full Text Available This study evaluated the use of nails and bone surfaces as indicators of acute exposure to fluoride in rats. Six groups (n=10/grp, aged 70 days, received, by gastrogavage, single doses of sodium fluoride containing 10, 35, 45, 60, 75 and 90 mg fluoride/kg body weight. The control group received deionized water. Two hours after fluoride administration, the rats were killed and their plasma, nails (halves near to the growth end and femur were collected. Nail and plasma fluoride concentrations were analyzed with the electrode following HMDS-facilitated diffusion. Femur surface fluoride was removed from a circular area (4.52 mm² by immersion in 0.5M HCl for 15 seconds, buffered with TISAB and analyzed with the electrode. Data were analyzed by ANOVA and Tukey's test (pEste estudo avaliou o uso de unhas e superfícies ósseas como indicadores da exposição aguda ao flúor em ratos. Seis grupos (n=10/grp, com idade de 70 dias, receberam, por gastro-gavagem, doses únicas de fluoreto de sódio contendo 10, 35, 45, 60, 75 e 90 mg flúor/kg peso corpóreo. O grupo controle recebeu água deionizada. Duas horas após a administração de flúor, os ratos foram mortos e seu plasma, unhas (metades próximas à porção de crescimento e fêmur foram coletados. As concentrações de flúor na unha e plasma foram analisadas com o eletrodo após difusão facilitada por HMDS. O flúor da superfície do fêmur foi removida de uma área circular (4,52 mm² por imersão em HCl 0,5 M por 15 segundos, tamponado com TISAB (contendo NaOH e analisado com o eletrodo. Os dados foram analisados por ANOVA e teste de Tukey (p<0,05 e por regressão linear (p<0,001. As concentrações médias de flúor variaram de 55,4 a 91,5 mg/g para as unhas; de 0,019 a 6,937 mg/mL para o plasma e de 617 a 2.394 mg/g para a superfície do fêmur. A concentração de flúor nas unhas do grupo experimental não foi diferente do controle. Quanto ao flúor no plasma, todos os grupos

  9. Infarto esplénico secundario a pancreatitis aguda Splenic infarction secondary to acute pancreatitis

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    J. J. Arenal Vera

    2008-05-01

    Full Text Available Fundamento y objetivo: la estrecha relación anatómica del páncreas con los vasos esplénicos y el bazo es responsable de complicaciones esplénicas en el curso de la pancreatitis aguda. El objetivo es presentar dos casos clínicos de pancreatitis aguda grave que sufrieron infarto esplénico como complicación de la enfermedad pancreática. Pacientes, participantes: en un periodo de tres meses, dos pacientes fueron diagnosticados de infarto esplénico secundario a pancreatitis aguda. En ambos casos el diagnóstico y seguimiento evolutivo del infarto esplénico se hizo a través de tomografía axial computerizada. Resultados: en el primer paciente, las imágenes muestran de forma inequívoca la afectación de la arteria esplénica por el proceso inflamatorio pancreático. En el segundo, no se pudo demostrar afectación de los vasos esplénicos, por lo que la única posible explicación etiológica es un incremento de coagulabilidad intravascular. Conclusiones: sería recomendable añadir las complicaciones esplénicas al conjunto de complicaciones graves extrapancreáticas de la pancreatitis aguda. La tomografía axial computerizada es de gran utilidad para la detección y seguimiento de las complicaciones esplénicas de la pancreatitis aguda.Background and objective: the close anatomic relationship of the pancreas with the splenic vessels and the spleen is responsible for splenic complications in the course of acute pancreatitis. Our objective was to report two cases of severe acute pancreatitis complicated by splenic infarction. Patients: in a three-month period of time two patients were diagnosed with splenic infarction secondary to acute pancreatitis. In both cases splenic infarction diagnosis and follow-up were carried out using computed tomography. Results: in the first case images clearly showed a narrowing of the splenic artery due to the inflammatory pancreatic condition. In the second case no involvement of the splenic vessels could

  10. Cirurgia de revascularização coronariana esquerda sem CEC e sem manuseio da aorta em pacientes acima de 75 anos: análise das mortalidades imediata e a médio prazo e das complicações neurológicas no pós-operatório imediato

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    José Glauco LOBO FILHO

    2002-09-01

    Full Text Available INTRODUÇÃO: A circulação extracorpórea (CEC e o manuseio da aorta ascendente (MAA estão associados a alta incidência de acidente vascular cerebral (AVC na cirurgia de revascularização do miocárdio (RM em pacientes idosos. Esta complicação deve-se, sobretudo, ao MAA, por ocasião do pinçamento e despinçamento, quer para isolamento do coração do circuito de CEC, quer para realização das anastomoses dos enxertos na aorta ascendente. OBJETIVOS: Verificar mortalidades imediata e a médio prazo e a ocorrência de AVC no pós-operatório imediato (POI em pacientes acima de 75 anos submetidos a cirurgia de revascularização do sistema coronariano esquerdo (SCE, sem CEC e sem MAA. MÉTODO: De janeiro de 2000 a abril de 2002, 40 pacientes acima de 75 anos (média 79,1 anos foram submetidos a cirurgia de revascularização do SCE, com enxerto de artéria torácica interna esquerda (ATIE para a artéria descendente anterior (DA, e enxerto(s de veia safena magna oriundo(s da ATIE para outro(s ramo(s da coronária esquerda (enxerto composto, sem CEC e sem MAA. Houve predominância do sexo masculino (67,5%. Foram realizados 89 enxertos (média 2,22 pontes por paciente, sendo 40 (44,94% de ATIE e 49 (55,06% de veia safena. A ocorrência de AVC foi avaliada por exames clínico e neurológico. RESULTADOS: Não foi observada ocorrência de AVC no grupo estudado. Não houve óbitos no POI. CONCLUSÃO: A cirurgia de revascularização do SCE em pacientes acima de 75 anos sem CEC e sem MAA pode ser realizada sistematicamente de modo a evitar a ocorrência de AVC, com baixa mortalidade.INTRODUCTION: Cardiopulmonary bypass (CPB and Ascending Aorta manipulation (AAM are associated with a high incidence of stroke in coronary surgery in patients older than 75 years. This complication is due, mostly, to the handling of the aorta by the time of the cross-clamping, either for heart isolation from CPB, or to perform saphenous vein graft anastomosis to the

  11. Propostas em ventilação mecânica na síndrome da angústia respiratória

    OpenAIRE

    Auler Junior, José Otávio Costa; Bliacheriene, Fernando; Miyoshi, Erika; Fernandes, Cláudia Regina

    2001-01-01

    JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: O objetivo deste artigo é oferecer ao leitor um resumo das normas já consagradas pela literatura a respeito da estratégia atual do manuseio da ventilação durante a Síndrome da Angústia Respiratória Aguda (SARA). Isto é de fundamental importância, já que a ventilação mecânica, como medida terapêutica, tem estado sob constante revisão e muitos artigos têm sido publicados a este respeito. CONTEÚDO: Este trabalho contém a revisão de 29 artigos e um livro, selecionados a...

  12. The origin of the inferior phrenic artery: a study in 32 South Indian cadavers with a review of the literature Origem da artéria frênica inferior: estudo em 32 cadáveres da Índia do Sul com revisão da literatura

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Thejodhar Pulakunta

    2007-09-01

    Full Text Available BACKGROUND: Considering the paucity of information presently available concerning inferior phrenic arteries, a more definitive study seemed appropriate and necessary, both for its potential clinical applications and to provide additional data to contemporary anatomical literature. OBJECTIVE: Most anatomical textbooks of gross anatomy offer very little information concerning the anatomy and distribution of the inferior phrenic artery (IPA. For that reason, the origin of the IPA has been studied and the available literature has been reviewed. METHODS: Thirty-two human adult cadavers preserved in formalin obtained from the departments of Anatomy, Kasturba Medical College, Manipal and Mangalore were dissected and the origin of the IPA was studied. RESULTS: The IPA had its usual origin from the abdominal aorta in 28 cases but in the remaining four cases, two were arising from the celiac trunk, one from the left gastric artery and one from the right renal artery. CONCLUSION: The IPA usually originates from the aorta or celiac artery, and less frequently from the renal, hepatic or left gastric arteries. The IPA is a major source of collateral or parasitized arterial supply to hepatocellular carcinoma, second only to the hepatic artery. Literature on the IPA origin and clinical implications of variation in its origin have been reviewed in this article.CONTEXTO: Considerando a escassez de informações atualmente disponíveis sobre artérias frênicas inferiores, umestudo mais definitivo nos pareceu apropriado e necessário, tanto por suas potenciais aplicações clínicas quanto para fornecer dados adicionais à literatura anatômica contemporânea. OBJETIVO: A maioria dos livros-texto de anatomia oferece muito poucas informações referentes à anatomia e distribuição da artéria frênica inferior (AFI. Por este motivo, a origem da AFI foi investigada e a literatura disponível foi revisada. MÉTODOS: Trinta e dois cadáveres humanos adultos

  13. Improved protein extraction and protein identification from archival formalin-fixed paraffin-embedded human aortas.

    Science.gov (United States)

    Fu, Zongming; Yan, Kun; Rosenberg, Avraham; Jin, Zhicheng; Crain, Barbara; Athas, Grace; Heide, Richard S Vander; Howard, Timothy; Everett, Allen D; Herrington, David; Van Eyk, Jennifer E

    2013-04-01

    Evaluate combination of heat and elevated pressure to enhance protein extraction and quality of formalin-fixed (FF), and FF paraffin-embedded (FFPE) aorta for proteomics. Proteins were extracted from fresh frozen aorta at room temperature (RT). FF and FFPE aortas (3 months and 15 years) were extracted at RT, heat alone, or a combination of heat and high pressure. Protein yields were compared, and digested peptides from the extracts were analyzed with MS. Combined heat and elevated pressure increased protein yield from human FF or FFPE aorta compared to matched tissues with heat alone (1.5-fold) or at RT (8.3-fold), resulting in more proteins identified and with more sequence coverage. The length of storage did adversely affect the quality of proteins from FF tissue. For long-term storage, aorta was preserved better with FFPE than FF alone. Periostin and MGF-E8 were demonstrated suitable for MRM assays from FFPE aorta. Combination of heat and high pressure is an effective method to extract proteins from FFPE aorta for downstream proteomics. This method opens the possibility for use of archival and often rare FFPE aortas and possibly other tissues available to proteomics for biomarker discovery and quantification. © 2013 WILEY-VCH Verlag GmbH & Co. KGaA, Weinheim.

  14. Valve-sparing root and ascending aorta replacement after heart transplantation.

    Science.gov (United States)

    Elhenawy, Abdelsalam M; Feindel, Christopher M; Ross, Heather; Butany, Jagdish; Yau, Terrence M

    2012-12-01

    A 45-year-old female underwent heart transplantation 17 years ago, with a heart from a 15-year-old donor. Recently, she had developed an aneurysm of the donor aortic root and ascending aorta, with severe aortic insufficiency. Two surgical options were considered; retransplantation versus replacement of the aortic root and ascending aorta. A valve-sparing replacement of the aortic root and ascending aortic aneurysm was performed. The donor aorta showed pathologic changes typical of Marfan syndrome. Nineteen months postoperatively, the patient remains in functional class I, with trivial aortic insufficiency. Copyright © 2012 The Society of Thoracic Surgeons. Published by Elsevier Inc. All rights reserved.

  15. Automated quantitative 3D analysis of aorta size, morphology, and mural calcification distributions

    Energy Technology Data Exchange (ETDEWEB)

    Kurugol, Sila, E-mail: sila.kurugol@childrens.harvard.edu; Come, Carolyn E.; Diaz, Alejandro A.; Ross, James C.; Washko, George R.; San Jose Estepar, Raul [Brigham and Women’s Hospital and Harvard Medical School, Boston, Massachusetts 02115 (United States); Kinney, Greg L.; Black-Shinn, Jennifer L.; Hokanson, John E. [Colorado School of Public Health, University of Colorado Denver, Aurora, Colorado 80045 (United States); Budoff, Matthew J. [Los Angeles Biomedical Research Center at Harbor and UCLA Medical Center, Torrance, California 90502 (United States)

    2015-09-15

    Purpose: The purpose of this work is to develop a fully automated pipeline to compute aorta morphology and calcification measures in large cohorts of CT scans that can be used to investigate the potential of these measures as imaging biomarkers of cardiovascular disease. Methods: The first step of the automated pipeline is aorta segmentation. The algorithm the authors propose first detects an initial aorta boundary by exploiting cross-sectional circularity of aorta in axial slices and aortic arch in reformatted oblique slices. This boundary is then refined by a 3D level-set segmentation that evolves the boundary to the location of nearby edges. The authors then detect the aortic calcifications with thresholding and filter out the false positive regions due to nearby high intensity structures based on their anatomical location. The authors extract the centerline and oblique cross sections of the segmented aortas and compute the aorta morphology and calcification measures of the first 2500 subjects from COPDGene study. These measures include volume and number of calcified plaques and measures of vessel morphology such as average cross-sectional area, tortuosity, and arch width. Results: The authors computed the agreement between the algorithm and expert segmentations on 45 CT scans and obtained a closest point mean error of 0.62 ± 0.09 mm and a Dice coefficient of 0.92 ± 0.01. The calcification detection algorithm resulted in an improved true positive detection rate of 0.96 compared to previous work. The measurements of aorta size agreed with the measurements reported in previous work. The initial results showed associations of aorta morphology with calcification and with aging. These results may indicate aorta stiffening and unwrapping with calcification and aging. Conclusions: The authors have developed an objective tool to assess aorta morphology and aortic calcium plaques on CT scans that may be used to provide information about the presence of cardiovascular

  16. Hemograma e proteínas de fase aguda de bezerros sadios do nascimento aos 30 dias de idade

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Thaís G. Rocha

    2013-12-01

    Full Text Available O conhecimento da dinâmica das alterações nos parâmetros hematológicos e na cinética das proteínas de fase aguda em animais saudáveis nas primeiras semanas de vida é essencial para a interpretação correta dessas avaliações em situações de morbidez e para diferenciar animais sadios e enfermos de forma confiável. Com o intuito de avaliar a cinética desses parâmetros no primeiro mês de vida de bezerros de corte sadios, filhos de vacas primíparas ou pluríparas, amostras de sangue foram coletadas antes da ingestão de colostro e 1, 2, 7, 15 e 30 dias após o nascimento. Os parâmetros eritrocitários foram influenciados pelo número de partos das vacas e o leucograma mostrou alterações características de influência do cortisol fetal liberado por ocasião do nascimento. O teor sérico de proteína total aumentou significativamente após a ingestão do colostro. As concentrações de ceruloplasmina, haptoglobina e proteínas de pesos moleculares 33 kDa e 23 kDa aumentaram significativamente no primeiro dia de vida, seja pela resposta ao nascimento ou pela ingestão do colostro, enquanto os teores de transferrina, albumina e α1-glicoproteína ácida mantiveram-se relativamente estáveis nos primeiros dias de vida, aumentando gradualmente até os 30 dias de idade.

  17. Is there a therapeutic window for pentoxifylline after the onset of acute pancreatitis? Existe uma janela terapêutica para a pentoxifilina após o início da pancreatite aguda?

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ana Maria Mendonça Coelho

    2012-07-01

    Full Text Available PURPOSE: To investigate the effects of pentoxifylline (PTX in experimental acute pancreatitis (AP starting drug administration after the induction of the disease. METHODS: One hundred male Wistar rats were submitted to taurocholate-induced AP and divided into three groups: Group Sham: sham-operated rats, Group Saline: AP plus saline solution, and Group PTX: AP plus PTX. Saline solution and PTX were administered 1 hour after induction of AP. At 3 hours after AP induction, peritoneal levels of tumor necrosis factor (TNF-α, and serum levels of interleukin (IL-6 and IL-10 levels were assayed by Enzyme-Linked Immunosorbent Assay (ELISA. Determinations of lung myeloperoxidase activity (MPO, histological analysis of lung and pancreas, and mortality study were performed. RESULTS: PTX administration 1 hour after induction of AP caused a significant decrease in peritoneal levels of TNF-α and in serum levels of IL-6 and IL-10 when compared to the saline group. There were no differences in lung MPO activity between the two groups with AP. A decrease in mortality was observed in the PTX treatment compared to the saline group. CONCLUSIONS: Administration of PTX after the onset of AP decreased the systemic levels of proinflammatory cytokines, raising the possibility that there is an early therapeutic window for PTX after the initiation of AP.OBJETIVO: Investigar os efeitos da pentoxifilina (PTX na pancreatite aguda (PA experimental administrando a droga após a indução da doença. MÉTODOS: Cem ratos machos Wistar foram submetidos à indução da PA através da infusão de taurocolato de sódio e divididos em três grupos: Grupo Sham: sham-operated ratos, Grupo Salina: AP e solução salina, e Grupo PTX: AP e PTX. Solução salina e PTX foram administradas 1 hora após a indução da PA. Três horas após indução da PA os níveis de fator de necrose tumoral (TNF-α no líquido peritoneal e os níveis séricos de interleucina (IL-6 e IL-10 foram

  18. Noninvasive radiodiagnosis of aneurysms of the thoracic aorta

    International Nuclear Information System (INIS)

    Todua, F.I.; Petsko, A.P.; Arablinskij, A.V.; Kazanchyan, P.O.; Nikitaev, N.S.; Sultanaliev, T.A.

    1990-01-01

    The paper is concerned with analysis of the results of X-ray investigation of 45 patients with aneurysms of the distal part of the arch and descending part of the thoracic aorta. X-ray investigation helped to establish correct diagnosis of aneurysm of the aorta in 42 of 45 patients (93.3 %) on the basis of the detection of intense additional shadow formation in left pulmonary field, unseparable from the aortic shadow. The use of a new method of ultrasound diagnosis-duplex scanning-made it possible to establish the presence of aneurysm and to determine its sizes as well as to visualize the relation of the left subclavicular artery to aneurysm in 17 of 21 patients. CT-semiotics of aneurysms of the descending part of the thoracic aorta consisted in its dilatation over 3.5 cm, wall calcification, thrombosis of the cavity and change of the adjacent structures. Basing on the analysis of these signs correct diagnosis was established in 34 of 35 examinees (97.1 %)

  19. Cilostazol enhances atorvastatin-induced vasodilation of female rat aorta during aging.

    Science.gov (United States)

    Nurullahoğlu-Atalık, K E; Kutlu, S; Solak, H; Koca, R Özen

    2017-09-01

    Statins have cholesterol-independent effects including an increased vascular nitric oxide activity and are commonly used by patients with cardiovascular disease. Such patients frequently have cardiovascular diseases, which may be treated with cilostazol, a platelet aggregation inhibitor. This study was designed to investigate whether combined use of cilostazol would increase the inhibitory effect of statin on vascular smooth muscle and how maturation would affect these responses. Female Wistar rats, aged 3-4 months (young) and 14-15 months (adult), were sacrificed by cervical dislocation and the thoracic aorta was dissected and cut into 3- to 4-mm-long rings. The rings were mounted under a resting tension of 1 g in a 20-ml organ bath filled with Krebs-Henseleit solution. Rings were precontracted with phenylephrine (10 -6  M), and the presence of endothelium was confirmed with acetylcholine (10 -6  M). Then, the concentration-response curves were obtained for atorvastatin alone (10 -10 to 3 × 10 -4  M; control) and in the presence of cilostazol (10 -6  M) in young and adult rat aortas. This experimental protocol was also carried out in aorta rings, which had been pretreated with N G -nitro-l-arginine methyl ester (l-NAME, 10 -4  M). Atorvastatin induced concentration-dependent relaxations in young and adult rat thoracic aorta rings precontracted with phenylephrine. The pIC 50 value of atorvastatin was significantly decreased in adult rat aortas. In addition, pretreatment of aortas with cilostazol enhanced the potency of atorvastatin in both young and adult aortas. Incubation with l-NAME did not completely eliminate the relaxations to atorvastatin in the presence of cilostazol. These results suggest that combined application of cilostazol with atorvastatin was significantly more potent than atorvastatin alone. Combined drug therapy may be efficacious in delaying the occurrence of cardiovascular events.

  20. Abdominal aorta coarctation: The first three case reports in our literature

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Gajin Predrag

    2010-01-01

    Full Text Available Introduction. Congenital coarctation of the thoracic aorta at the ligamentum arteriosum or the aortic arch is well recognized. But a much less common variety (0.5-2.0% of aortic coarctation is located in the distal thoracic aorta or abdominal aorta or both and is often called 'middle aortic syndrome' or 'midaortic dysplastic syndrome'. This represents serious pathological condition and indicates multidisciplinary therapy approach. Outline of Cases. From 1996 to 2007, at the Vascular Surgery Clinic of the Institute for Cardiovascular Diseases 'Dedinje', Belgrade, three patients were treated due to abdominal aorta coarctation, two females aged 55 and 50 and a 4-year-old child. The patients were treated surgically (by-pass with a prosthetic graft and patch angioplasty and endovascular-percutaneous transluminal angioplasty (PTA with and without a stent. The follow-up period was 3-70 months. In the 50-year-old patient, angiography showed severe narrowing of the suprarenal segment of the abdominal aorta. Thoraco-abdominal bypass with a 16 mm dacronic tubular graft was performed. In the 4-year-old patient angiography also showed a suprarenal aorta narrowing. In the first act patch angioplasty was performed and after PTA of the visceral arteries was done on several occasions. In the 55-year-old patient, after diagnostic angiography, infrarenal aorta coarctation was registered. PTA was performed with stent placement. All patients were asymptomatic on control check-ups. Conclusion. Abdominal coarctation is a pathological disease which is seldom found in vascular surgery. Angiography is of major importance for setting the diagnosis and for the control of the results of surgical and nonsurgical treatment. The combination of surgical and endovascular treatment in our patients showed very good results in the studied period.

  1. Imagética motora no tratamento da entorse lateral de tornozelo em atletas de futebol de campo: um estudo piloto

    OpenAIRE

    Nunes, Guilherme S.; Noronha, Marcos de; Carvalho Jr., Vanderlei A. de

    2015-01-01

    RESUMO A entorse de tornozelo é uma lesão comum em atletas de futebol e apresenta um alto índice de recidivas. A imagética motora (IM) pode ser uma alternativa no tratamento para diminuir as consequências neuromusculares apresentadas pós-lesão. Dessa forma, este estudo teve como objetivo verificar os resultados preliminares da efetividade da IM na reabilitação de atletas de futebol com entorse aguda de tornozelo. Participaram 20 jovens atletas do sexo masculino, que foram divididos de forma a...

  2. Low Density Lipoprotein and Non-Newtonian Oscillating Flow Biomechanical Parameters for Normal Human Aorta.

    Science.gov (United States)

    Soulis, Johannes V; Fytanidis, Dimitrios K; Lampri, Olga P; Giannoglou, George D

    2016-04-01

    The temporal variation of the hemodynamic mechanical parameters during cardiac pulse wave is considered as an important atherogenic factor. Applying non-Newtonian blood molecular viscosity simulation is crucial for hemodynamic analysis. Understanding low density lipoprotein (LDL) distribution in relation to flow parameters will possibly spot the prone to atherosclerosis aorta regions. The biomechanical parameters tested were averaged wall shear stress (AWSS), oscillatory shear index (OSI) and relative residence time (RRT) in relation to the LDL concentration. Four non-Newtonian molecular viscosity models and the Newtonian one were tested for the normal human aorta under oscillating flow. The analysis was performed via computational fluid dynamic. Tested viscosity blood flow models for the biomechanical parameters yield a consistent aorta pattern. High OSI and low AWSS develop at the concave aorta regions. This is most noticeable in downstream flow region of the left subclavian artery and at concave ascending aorta. Concave aorta regions exhibit high RRT and elevated LDL. For the concave aorta site, the peak LDL value is 35.0% higher than its entrance value. For the convex site, it is 18.0%. High LDL endothelium regions located at the aorta concave site are well predicted with high RRT. We are in favor of using the non-Newtonian power law model for analysis. It satisfactorily approximates the molecular viscosity, WSS, OSI, RRT and LDL distribution. Concave regions are mostly prone to atherosclerosis. The flow biomechanical factor RRT is a relatively useful tool for identifying the localization of the atheromatic plaques of the normal human aorta.

  3. Opióides no manejo da dor - uso correto ou subestimado? Dados de um hospital universitário

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Daudt A.W.

    1998-01-01

    Full Text Available OBJETIVO: O uso de opióides, principalmente no tratamento da dor intensa aguda (pacientes no pós-operatório e da dor crônica em pacientes oncológicos, tem sido subestimado na prática clínica em geral. Este trabalho tem o objetivo de verificar o perfil de prescrição de opióides (meperidina e morfina no Hospital de Clínicas de Porto Alegre (HCPA, RS. MATERIAIS E MÉTODOS: Análise da conduta das equipes médicas, pela revisão de 1.107 prescrições, relativas a 445 pacientes internados no HCPA, entre 20 de maio e 20 de julho de 1993. Os parâmetros básicos de análise, para conduta, incluíam: padrão de uso, a dose do fármaco, intervalo entre doses e analgésicos simultâneos. DISCUSSÃO E RESULTADOS: Foram encontradas apenas 6,5% de prescrições consideradas adequadas em relação aos parâmetros dose, intervalo e padrão, analisados conjuntamente. O padrão se necessário foi responsável por 74% do total de prescrições. CONCLUSÕES: Os resultados obtidos durante a realização do trabalho permitem-nos concluir que não há um manejo adequado da dor, tanto aguda como crônica, nos pacientes internados no HCPA.

  4. Insuficiência respiratória aguda como primeira manifestação de esclerose lateral amiotrófica: dois casos clínicos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Susana Moreira

    2004-11-01

    Full Text Available RESUMO: A esclerose lateral amiotrófica (ELA é uma doença neuromuscular rapidamente progressiva que envolve todos os grupos musculares com excepção dos músculos extra-oculares e dos esfíncteres. A maior causa de morbilidade e mortalidade são as complicações respiratórias que surgem habitualmente numa fase tardia da história natural da doença. Num número reduzido de casos, a ELA tem como manifestação inicial a insuficiência respiratória aguda.Os autores apresentam 2 casos clínicos de doentes internados num Serviço de pneumologia, sem doença neuromuscular prévia conhecida, com o diagnóstico de insuficiência respiratória aguda de etiologia desconhecida e que se revelaram ser ELA.A análise dos casos discutidos, e dos que estão já publicados na literatura, sugere que o aparecimento de insuficiência respiratória aguda em doentes sem história prévia de patologia pulmonar e/ou cardíaca, especialmente na 5.ª e 6.ª décadas de vida, deve alertar para a ELA como hipótese diagnóstica.REV PORT PNEUMOL 2004; X (6: 499-504 ABSTRACT: Amyotrophic lateral sclerosis (ALS is a fast progressing neuromuscular disease that affects all but the extrinsic muscles of the eye and sphincters. The main cause of morbidity and mortality are the respiratory complications that usually start in a late stage of the disease’s natural history. In a small number of cases acute respiratory failure is the initial manifestation of the disease.The authors present 2 case studies admitted to a pulmonary department, without previously known neuromuscular disease, with the diagnosis of acute respiratory failure of unknown ethiology and that were later shown to be cases of ALS.Analysis of the cases presented here, and those already published in the literature, suggests that the occurrence of acute respiratory failure in patients without a previous history of pulmonary and

  5. Aortocaval fistula: an infrequent complication of aneurysm of the abdominal aorta; Fistula aortocava: complicacion infrecuente tras rotura de aneurisma de aorta abdominal

    Energy Technology Data Exchange (ETDEWEB)

    Alpera, R.; Ardoy, F.; Gallego, J. A.

    2002-07-01

    A case is reported of aortocaval fistula (ACF) as an infrequent complication of an aneurysm of the abdominal aorta (AAA) that debuted clinically with pain in the right lumbar fossa and kidney failure. the diagnosis was made by helicoid computed tomography (HCT) and confirmed surgery. HCT findings consisted of an early accentuation of the inferior vena cava (ICV) in the arterial phase, and visualization of the communication between the aorta and inferior vena cava. (Author) 8 refs.

  6. Inmunofenotipos aberrantes en leucemias agudas en una población hospitalaria de Buenos Aires

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Viviana Novoa

    2013-02-01

    Full Text Available La citometría de flujo multiparamétrica es el método de elección para la caracterización inmunofenotípica de las células hematopoyéticas clonales presentes en los distintos procesos leucémicos agudos. El objetivo fue analizar la expresión de antígenos de membrana y evaluar la presencia de fenotipos aberrantes en los blastos de pacientes con diagnóstico de leucemia aguda, que permiten el monitoreo de la respuesta al tratamiento. Se revisaron los inmunofenotipos de 364 muestras de pacientes adultos derivadas a nuestro laboratorio en un período de 7 años. El inmunofenotipo se realizó por citometría de flujo con un amplio panel de anticuerpos monoclonales con el que se evaluó la expresión de antígenos de linaje linfoide, mieloide y también antígenos de maduración. De las 364 muestras estudiadas, 60.2% presentaron un fenotipo compatible con leucemia mieloide aguda (LMA, 28.8% con leucemia linfoblástica B (LLA-B, 6.6% con leucemia linfoblástica T (LLA-T y 4.4% con leucemias agudas poco frecuentes. La presencia de fenotipos aberrantes se observó en 89% de los casos, los fenotipos aberrantes identificados fueron: 1 infidelidad de linaje: LMA (54%, LLA-B (40%, LLA-T (29%; 2 ausencia de expresión antigénica: LMA (21%, LLA-B (35%, LLA-T (70%; 3 alteración de la expresión antigénica: LMA (67%, LLA-B (66%, LLA-T (84%; 4 asincronismo madurativo: LMA (26%, LLA-B (37% y 5 fenotipo ectópico: LLA-T 96%. El análisis por citometría de flujo multiparamétrica de las leucemias agudas permitió la identificación de fenotipos aberrantes en la mayoría de nuestros pacientes, que son de utilidad para el monitoreo de la respuesta al tratamiento.

  7. O leito placentário no descolamento prematuro da placenta

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Mesquita Maria Rita de Souza

    2003-01-01

    Full Text Available OBJETIVO: análise histopatológica das artérias espiraladas do leito placentário em gestações complicadas pelo descolamento prematuro da placenta (DPP associado à hipertensão, comparando-as com a estrutura vascular dos leitos placentários normais. MÉTODO: a biópsia do leito placentário foi realizada em 23 gestantes com diagnóstico de descolamento prematuro de placenta associado à hipertensão (G/HA e idade gestacional maior ou igual a 28 semanas, submetidas ao parto cesáreo. O grupo controle (GC foi constituído por 30 pacientes, sem doenças, submetidas a parto cesáreo por indicação obstétrica. As variáveis histológicas selecionadas para estudo foram: padrão inalterado, modificações fisiológicas, desorganização da camada média, alterações hiperplásicas, necrose e aterose aguda. RESULTADOS: nas pacientes com DPP associado à hipertensão ocorreu uma predominância significativa de desorganização da camada média, detectada em 50% das pacientes, e de alterações hiperplásicas, em comparação ao GC, ao passo que a presença de modificações fisiológicas foi estatisticamente mais significante no GC. Achados como necrose e aterose aguda foram observados em menores proporções no G/HA, mas sem diferenças significantes entre os dois grupos. CONCLUSÕES: os achados histológicos vasculares predominantes em grávidas com diagnóstico de DPP associado à hipertensão foram desorganização da camada média e alterações hiperplásicas. A presença do padrão patológico foi significativamente maior no G/HA, sendo o mais prevalente a desorganização da camada média. Houve predomínio do padrão normal, isto é, modificações fisiológicas no GC.

  8. Heterogeneity of smooth muscle cells in tunica media of aorta in ...

    African Journals Online (AJOL)

    ... of the tunica media of goat aorta are phenotypically heterogeneous and run in multiple directions. These characteristics probably confer mechanical strength and functional plasticity to the aortic wall. Designers of aortic substitutes should bear this in mind. Keywords: Vascular, Smooth Muscle Cells, Heterogeneity, Aorta ...

  9. Feasibility of low contrast media volume in CT angiography of the aorta

    International Nuclear Information System (INIS)

    Seehofnerová, Anna; Kok, Madeleine; Mihl, Casper; Douwes, Dave; Sailer, Anni; Nijssen, Estelle; Haan, Michiel J.W. de; Wildberger, Joachim E.; Das, Marco

    2015-01-01

    Using smaller volumes of contrast media (CM) in CT angiography (CTA) is desirable in terms of cost reduction and prevention of contrast-induced nephropathy (CIN). The purpose was to evaluate the feasibility of low CM volume in CTA of the aorta. 77 patients referred for CTA of the aorta were scanned using a standard MDCT protocol at 100 kV. A bolus of 50 ml CM (Iopromide 300 mg Iodine/ml) at a flow rate of 6 ml/s was applied (Iodine delivery rate IDR = 1.8 g/s; Iodine load 15 g) followed by a saline bolus of 40 ml at the same flow rate. Scan delay was determined by the test bolus method. Subjective image quality was assessed and contrast enhancement was measured at 10 anatomical levels of the aorta. Diagnostic quality images were obtained for all patients, reaching a mean overall contrast enhancement of 324 ± 28 HU. Mean attenuation was 350 ± 60 HU at the thoracic aorta and 315 ± 83 HU at the abdominal aorta. A straightforward low volume CM protocol proved to be technically feasible and led to CTA examinations reaching diagnostic image quality of the aorta at 100 kV. Based on these findings, the use of a relatively small CM bolus can be incorporated into routine clinical imaging

  10. 187. 31 Años de seguimiento de pacientes intervenidos de cirugía bono-bentall en nuestro medio

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    N. Miranda

    2012-04-01

    Conclusiones: La cirugía de Bono-Bentall modificada para operaciones sobre raíz y aorta ascendente y pacientes con disección aórtica aguda tipo A tiene buenos resultados en nuestro medio a corto y largo plazo, con una supervivencia a largo plazo elevada.

  11. Cintilografia renal com ácido dimercaptossuccínico marcado com tecnécio no diagnóstico da pielonefrite na infância: estudo de 17 casos Renal scintigraphy using technetium dimercaptosuccinic acid in the diagnosis of pyelonephritis in children: study of 17 cases

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Eliana B.M. Guidoni

    2001-04-01

    Full Text Available OBJETIVO: a infecção do trato urinário é uma das doenças bacterianas mais freqüentes em pediatria. O envolvimento infeccioso renal (pielonefrite pode evoluir com formação de cicatriz renal irreversível com conseqüente perda funcional e dano renal progressivo. Estudos recentes sugerem que até 50-60% das cicatrizes renais poderiam ser evitadas ou atenuadas com o diagnóstico precoce da pielonefrite. O objetivo deste estudo é determinar se a presença de alterações na cintilografia renal com DMSA na fase aguda da infecção urinária pode ser indicadora de pielonefrite. MÉTODOS: empregamos a técnica de washout em 17 meninas portadoras de infecção urinária como padrão-ouro na localização do sítio da infecção. Todas as crianças realizaram cintilografia renal com DMSA na fase aguda da infecção. Os resultados foram analisados pelo teste do qui-quadrado ou de Fisher. RESULTADOS: a cintilografia renal com DMSA detectou alterações em todos os cinco casos de pielonefrite diagnosticados pelo washout sugerindo envolvimento renal. Observamos também que apenas uma das crianças com cistite (total = 12 casos apresentava alterações ao DMSA. Portanto, a sensibilidade e especificidade deste estudo com DMSA na fase aguda da infecção foi de 100% e 92% respectivamente no diagnóstico da pielonefrite. CONCLUSÕES: a cintilografia renal com DMSA mostrou-se método sensível no diagnóstico da pielonefrite aguda em crianças.OBJECTIVE: to determine whether the presence of abnormal results in DMSA renal scintigraphy indicates pyelonephritis. METHODS: we performed the washout test in 17 children with urinary tract infection, as a criterion standard, to locate the infection site. All the children underwent DMSA renal scintigraphy in the acute phase of the disease. The results were analyzed by the chi-square test or Fisher test. RESULTS: DMSA renal scintigraphy revealed changes in all five cases of pyelonephritis, suggesting acute kidney

  12. Injúria Renal Aguda no paciente politraumatizado Acute Renal Injury in polytrauma patients

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Thiago Gomes Romano

    2013-03-01

    Full Text Available A Injúria Renal Aguda (IRA no contexto do paciente politraumatizado ocorre, na maioria das vezes, por uma conjuntura de fatores que passam por eventos correlacionados à ressuscitação volêmica inicial, ao grau de resposta inflamatória sistêmica associada ao trauma, ao uso de contraste iodado para procedimentos diagnósticos, à rabdomiólise e à síndrome compartimental abdominal. Atualmente, passamos por uma fase de uniformização dos critérios diagnósticos da IRA com o Acute Kidney Injury Network (AKIN, sendo a referência mais aceita. Consequentemente, o estudo da IRA no politraumatismo também passa por uma fase de reformulação. Esta revisão da literatura médica visa trazer dados epidemiológicos, fisiológicos e de implicação clínica para o manuseio destes pacientes, bem como expor os riscos do uso indiscriminado de expansores volêmicos e particularidades sobre a instituição de terapia renal substitutiva em indivíduos sob risco de hipertensão intracraniana.Acute Kidney Injury (AKI in trauma is, in most cases, multifactorial. Factors related to the initial ressuscitation protocol, degree of the systemic inflamatory response to trauma, contrast nephropathy in diagnostic procedures, rhabdomyolysis and abdominal compartment syndrome are some of those factors. Nowadays a uniformization in diagnostic criteria for AKI has been proposed by the Acute Kidney Injury Network (AKIN and as a result the incidence of AKI and its impact in outcomes in trauma patients also needs to be reconsider. In this review we aim to approach epidemiologic, physiologic and clinical relevant data in the critical care of patients victims of trauma and also to expose the risks of indiscriminate use of volume expanders and the interaction between renal replacement theraphy and intracranial hypertension.

  13. Device occlusion of pseudoaneurysm of ascending aorta

    International Nuclear Information System (INIS)

    Agarwal, Mridul; Ray, Mili; Pallavi, M; Sen, Supratim; Ganguly, Debosree; Joshi, Pankaj; Tanti, Sanjay; Chattopadhyay, Amitabh; Bandyopadhyay, Biswajit

    2011-01-01

    Pseudoaneurysm of ascending aorta is an infrequent but well-recognized and potentially fatal complication after cardiac surgeries. The complication can develop early, delayed or late, and the presentation is also varied. We are presenting here two cases of pseudoaneurysm of ascending aorta following cardiac surgery that were successfully managed by the transcatheter method. The first one occurred following coronary artery bypass surgery and the second one occurred following double-valve replacement surgery. The aortic openings of these aneurysms were occluded with 12 mm and 10 mm atrial septal occluders, respectively, with a good outcome. An immediate postprocedure angiogram showed no residual flow into the sac. Six months of follow-up of both cases also showed excellent results

  14. Efecto de la restitución temprana de la nutrición oral en la pancreatitis aguda leve

    OpenAIRE

    Vega Sandoval, Carlos Andres; Isaza Restrepo, Andres; Moscoso Daza, Alejandro

    2010-01-01

    Aunque el manejo nutricional de los pacientes con Pancreatitis Aguda Severa ha sido bien establecido por la evidencia disponible, el inicio de la vía oral en Pancreatitis Leve no ha sido igualmente estudiado. El objetivo de este estudio es evaluar el efecto del inicio temprano de la nutrición por vía oral en estos pacientes. Métodos: Realizamos un descriptivo serie de comparación de casos en los cuales comparamos la evolución y resultados del manejo de los pacientes con pancreatitis aguda ant...

  15. Alterações anatomopatológicas renais em indivíduos com a síndrome da imunodeficiência adquirida

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Laguna-Torres Victor Alberto

    1998-01-01

    Full Text Available As alterações anatomopatológicas renais foram estudadas em 119 casos de indivíduos com a síndrome da imunodeficiência humana adquirida (SIDA no Hospital Escola da Faculdade de Medicina do Triângulo Mineiro, Uberaba MG. A partir das amostras de rim fixadas em formol, foram confeccionadas lâminas e analisadas ao microscópio de luz. Dos 119 casos estudados, 67 tiveram diagnóstico de nefrite túbulo intersticial (NTI, sendo 18 inespecíficas, 2 xantogranulomatosas e encontrou-se agente infeccioso em 48: fungos em 28 (16 Cryptococcus sp, 9 Histoplasma sp, 1 Candida sp e 2 Paracoccidioides brasiliensis; bactérias em 18 (9 Mycobacterium sp; vírus em 6, Citomegalovírus. Em 43 havia necrose tubular aguda (NTA. Outros diagnósticos foram: nefrocalcinose (15,1% e hialinose arteriolar (22,7%. Encontrou-se também 2 casos com glomeruloesclerose segmentar focal (GESF e um caso de hiperplasia mesangial difusa. Houve predomínio da NTI, que pode ser devido às infecções oportunistas, predominando as fúngicas; a toxicidade por drogas ou ainda devido a possível ação direta do próprio vírus. A necrose tubular aguda (NTA, foi a segunda causa em freqüência, de acometimento renal da amostra. Concluiu-se que o envolvimento renal nos pacientes com SIDA apresenta um espectro variado de processos patológicos, principalmente relacionados com infecções oportunistas, o tratamento e os procedimentos para diagnósticos, e ainda as nefropatias associadas ao vírus da imunodeficiência humana (VIH.

  16. Dietary fat level affecting histochemical radiosensitivity in dorsal aorta in rats

    International Nuclear Information System (INIS)

    Yousri, R.M.; Roushdy, H.M.; EL-Malkh, N.M.; Ashry, M.A.; Soliman, S.M.

    1988-01-01

    The present work has been conducted to investigate the effect of dietary fat status and/or cumulative whole body gamma radiation exposures up to 15 Gy the histochemical pattern of the dorsal aortas of male albino rats. Experimental animals were fed on either fat-rich or fat-free diet and the observations compared with those fed normal fat diet. The histochemical investigations has been confined to the concentration levels of mucopolysaccharide substance and total lipids. The dorsal aorta normal fat group showed higher content of PAS-positive material in the first two layers of the aorta wall in comparison with decreased amount of collagen fibers was shown in fat-rich group

  17. Characterization of atherosclerotic disease in thoracic aorta: A 3D, multicontrast vessel wall imaging study

    Energy Technology Data Exchange (ETDEWEB)

    Zhou, Changwu [Center for Biomedical Imaging Research, Department of Biomedical Engineering, Tsinghua University School of Medicine, Beijing (China); Department of Radiology, The Second Clinical Medical College, Yangzhou University, Yangzhou (China); Qiao, Huiyu; He, Le [Center for Biomedical Imaging Research, Department of Biomedical Engineering, Tsinghua University School of Medicine, Beijing (China); Yuan, Chun [Center for Biomedical Imaging Research, Department of Biomedical Engineering, Tsinghua University School of Medicine, Beijing (China); Department of Radiology, University of Washington, Seattle, WA (United States); Chen, Huijun; Zhang, Qiang; Li, Rui [Center for Biomedical Imaging Research, Department of Biomedical Engineering, Tsinghua University School of Medicine, Beijing (China); Wang, Wei; Du, Fang [Department of Radiology, The Second Clinical Medical College, Yangzhou University, Yangzhou (China); Li, Cheng, E-mail: cjr.licheng@vip.163.com [Department of Radiology, Zhongda Hospital, Medical School of Southeast University, Nanjing (China); Zhao, Xihai, E-mail: xihaizhao@tsinghua.edu.cn [Center for Biomedical Imaging Research, Department of Biomedical Engineering, Tsinghua University School of Medicine, Beijing (China)

    2016-11-15

    Purpose: To investigate the characteristics of plaque in the thoracic aorta using three dimensional multicontrast magnetic resonance imaging. Materials and methods: Elderly subjects (≥60 years) were recruited in this study. Thoracic aorta was imaged on a 3.0T MR scanner by acquiring multicontrast sequences. The plaque burden was evaluated by measuring lumen area, wall area, wall thickness, and normalized wall index. The presence or absence of plaque and intraplaque hemorrhage (IPH)/mural thrombus (MT) were identified. The characteristics of atherosclerosis among different thoracic aorta segments (AAO: ascending aorta; AOA: aortic arch, and DOA: descending aorta) were determined. Results: Of 66 recruited subjects (mean age 72.3 ± 6.2 years, 30 males), 55 (83.3%) had plaques in the thoracic aorta. The prevalence of plaque in AAO, AOA, and DAO was 5.4%, 72.7%, and 71.2%, respectively. In addition, 21.2% of subjects were found to have lesions with IPH/MT in the thoracic aorta. The prevalence of IPH/MT in segment of AAO, AOA and DAO was 0%, 13.6%, and 12.1%, respectively. The aortic wall showed the highest NWI in DAO (34.1% ± 4.8%), followed by AOA (31.2% ± 5%), and AAO (26.8% ± 3.3%) (p < 0.001). Conclusion: Three dimensional multicontrast MR imaging is capable of characterizing atherosclerotic plaques in the thoracic aorta. The findings of high prevalence of plaques and the presence of high risk plaques in the thoracic aorta suggest early screening for aortic vulnerable lesions in the elderly.

  18. Characterization of atherosclerotic disease in thoracic aorta: A 3D, multicontrast vessel wall imaging study

    International Nuclear Information System (INIS)

    Zhou, Changwu; Qiao, Huiyu; He, Le; Yuan, Chun; Chen, Huijun; Zhang, Qiang; Li, Rui; Wang, Wei; Du, Fang; Li, Cheng; Zhao, Xihai

    2016-01-01

    Purpose: To investigate the characteristics of plaque in the thoracic aorta using three dimensional multicontrast magnetic resonance imaging. Materials and methods: Elderly subjects (≥60 years) were recruited in this study. Thoracic aorta was imaged on a 3.0T MR scanner by acquiring multicontrast sequences. The plaque burden was evaluated by measuring lumen area, wall area, wall thickness, and normalized wall index. The presence or absence of plaque and intraplaque hemorrhage (IPH)/mural thrombus (MT) were identified. The characteristics of atherosclerosis among different thoracic aorta segments (AAO: ascending aorta; AOA: aortic arch, and DOA: descending aorta) were determined. Results: Of 66 recruited subjects (mean age 72.3 ± 6.2 years, 30 males), 55 (83.3%) had plaques in the thoracic aorta. The prevalence of plaque in AAO, AOA, and DAO was 5.4%, 72.7%, and 71.2%, respectively. In addition, 21.2% of subjects were found to have lesions with IPH/MT in the thoracic aorta. The prevalence of IPH/MT in segment of AAO, AOA and DAO was 0%, 13.6%, and 12.1%, respectively. The aortic wall showed the highest NWI in DAO (34.1% ± 4.8%), followed by AOA (31.2% ± 5%), and AAO (26.8% ± 3.3%) (p < 0.001). Conclusion: Three dimensional multicontrast MR imaging is capable of characterizing atherosclerotic plaques in the thoracic aorta. The findings of high prevalence of plaques and the presence of high risk plaques in the thoracic aorta suggest early screening for aortic vulnerable lesions in the elderly.

  19. [Coarctation of the descending aorta. A rare form of connatal aortic stenosis].

    Science.gov (United States)

    Stammwitz, E; Schöttler, M; Brix, F; Poser, H L; Langkau, G; Yükseltan, I

    1983-07-01

    A clinical diagnosis of a coarctation of the aorta was made in a 17-year-old female hypertensive patient. Angiography revealed an atypical stenosis of the descending aorta which was surgically corrected. The causes of aortic stenoses are discussed.

  20. Injuria renal aguda en la sepsis grave Acute kidney injury in severe sepsis

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Hernán Trimarchi

    2009-06-01

    Full Text Available La sepsis afecta al 40% de los pacientes críticos, siendo su mortalidad de aproximadamente un 30% en el caso de la sepsis grave, y de 75% con injuria renal aguda, la cual sucede en el 20-51% de los casos. Se realizó un estudio prospectivo, observacional, longitudinal, en 80 pacientes sépticos graves en el lapso de 1 año para determinar el desarrollo de injuria renal aguda y su relación con la mortalidad; correlacionar antecedentes clínicos y variaciones del laboratorio con la mortalidad; determinar la tasa de mortalidad de la sepsis grave; relacionar óbito y foco séptico primario; evaluar la predictibilidad de mortalidad según niveles de creatinina de ingreso y sus variaciones finales. Se definieron dos grupos: Obito (n = 25 y No-óbito (n = 55. Analizados según la creatinina de ingreso, 39 tenían valores normales de creatinina (10 óbitos y 41 la presentaban elevada (15 óbitos; según la creatinina de egreso, 48 presentaron creatinina normal y fallecieron 7, mientras que 32 tenían daño renal agudo, de los cuales 18 fallecieron. De los 25 pacientes fallecidos, el 72% presentaron daño renal. De éstos, 7 pacientes vivos y 2 fallecidos requirieron hemodiálisis. El foco primario más frecuente fue el respiratorio (26.4%. El desarrollo de daño renal es un alto predictor de mortalidad en la sepsis, independientemente de los valores iniciales de creatinina. Edad más avanzada, hipertensión arterial, score APACHE más elevado, anemia más grave, hipoalbuminemia, hiperfosfatemia e hiperkalemia se asociaron a mayor mortalidad. La mortalidad global fue 31.3%. La imposibilidad de identificar el foco séptico primario se asoció a mayor mortalidad. El foco respiratorio se relacionó a mayor riesgo de requerir hemodiálisis.Sepsis affects 40% of critically ill patients, with a reported mortality of approximately 30% in severe sepsis, raising to 75% when acute kidney injury ensues, which occurs in about 20-51% of cases. The present study

  1. Intoxicaciones agudas graves en un servicio de medicina intensiva durante doce años

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    César Palazón Sánchez

    2000-01-01

    Full Text Available Conocer 12 epidemiología de las u~tux~- aciones agudas graves en un servicio de medicina intensiva y evaluar el pronóstico de la PCR y mortalidad asociada a los distintos tóxicos.

  2. Assessment of the accuracy of AortaScan for detection of abdominal aortic aneurysm (AAA).

    Science.gov (United States)

    Abbas, A; Smith, A; Cecelja, M; Waltham, M

    2012-02-01

    AortaScan AMI 9700 is a portable 3D ultrasound device that automatically measures the maximum diameter of the abdominal aorta without the need for a trained sonographer. It is designed to rapidly diagnose or exclude an AAA and may have particular use in screening programs. Our objective was to determine its accuracy to detect AAA. Subjects from our AAA screening and surveillance programs were examined. The aorta was scanned using the AortaScan and computed tomography (CT). Ninety-one subjects underwent imaging (44 AAA on conventional ultrasound surveillance and 47 controls). The largest measurement obtained by AortaScan was compared against the CT-aortic measurement. The mean aortic diameter was 2.8 cm. The CT scan confirmed the diagnosis of AAA in 43 subjects. There was one false positive measurement on conventional ultrasound. AortaScan missed the diagnosis of AAA in eight subjects. There were thirteen false positive measurements. The sensitivity, specificity, positive and negative predictive values were 81%, 72%, 72% and 81% respectively. A device to detect AAA without the need for a trained operator would have potential in a community-based screening programme. The AortaScan, however, lacks adequate sensitivity and significant technical improvement is necessary before it could be considered a replacement for trained screening personnel. Copyright © 2011 European Society for Vascular Surgery. Published by Elsevier Ltd. All rights reserved.

  3. Evaluation of reconstruction parameters of electrical impedance tomography on aorta detection during saline bolus injection

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Thürk Florian

    2016-09-01

    Full Text Available An accurate detection of anatomical structures in electrical impedance tomography (EIT is still at an early stage. Aorta detection in EIT is of special interest, since it would favor non-invasive assessment of hemodynamic processes in the body. Here, diverse EIT reconstruction parameters of the GREIT algorithm were systematically evaluated to detect the aorta after saline bolus injection in apnea. True aorta position and size were taken from computed tomography (CT. A comparison with CT showed that the smallest error for aorta displacement was attained for noise figure nf = 0.7, weighting radius rw = 0.15, and target size ts = 0.01. The spatial extension of the aorta was most precise for nf = 0.7, rw = 0.25, and ts = 0.07. Detection accuracy (F1-score was highest with nf = 0.6, rw = 0.15, and ts = 0.04. This work provides algorithm-related evidence for potentially accurate aorta detection in EIT after injection of a saline bolus.

  4. Proteinograma sérico, com ênfase em proteínas de fase aguda, de bovinos sadios e bovinos portadores de enfermidade aguda de ocorrência natural

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    K.M.M.G. Simplício

    2013-10-01

    Full Text Available Nas últimas décadas, as proteínas de fase aguda (PFAs tornaram-se biomarcadores de escolha em medicina humana para identificação e monitoração de doenças. Não há razão para imaginar que tais pesquisas clínicas não sejam igualmente úteis na medicina veterinária. Com o objetivo de verificar a importância das PFAs como biomarcadores de doenças inflamatórias em bovinos, determinou-se o proteinograma sérico, por meio da técnica de eletroforese SDS-PAGE, com interesse especial nas PFAs. Foram utilizados 30 animais, distribuídos em dois grupos: 15 bovinos sadios e 15 bovinos doentes (cinco com mastite estafilocócica, cinco com fotossensibilização e cinco com onfaloflebite. Os animais foram submetidos a colheitas diárias de sangue durante sete dias, enquanto internados no Hospital Veterinário da Unesp, Campus de Jaboticabal. Ceruloplasmina e haptoglobina apresentaram elevação significativa em animais acometidos por mastite, fotossensibilização e onfaloflebite (275,17% e 343,71%; 175,17% e 230,19%; 114,47% e 144,47%, respectivamente. A α1-glicoproteína ácida foi um bom biomarcador apenas em animais com mastite e fotossensibilização, elevando, respectivamente, suas concentrações séricas em 198,14% e 145,89%. Fibrinogênio mostrou-se um indicador confiável apenas em bovinos com mastite, com elevação de 146,5% em relação ao grupo sadio. Ficou clara a diferença na responsividade de distintas PFAs frente a diferentes estímulos inflamatórios. Ceruloplasmina e haptoglobina foram biomarcadores mais sensíveis e, portanto, mais confiáveis entre as PFAs estudadas nessa espécie.

  5. Análise do efeito imunomodulador da ouabaína na inflamação e nocicepção

    OpenAIRE

    Vasconcelos, Danielle Ingrid Bezerra de

    2011-01-01

    A Ouabaína é um glicosídeo cardiotônico, inibidor da Na+/K+-ATPase, utilizada na clínica para o tratamento de insuficiência cardíaca. Atualmente, sabe-se que essa substância é endógena, e capaz de interferir em várias funções fisiológicas, inclusive em diversos aspectos do sistema imunológico. Apesar disso, pouco se sabe sobre seu envolvimento em processos inflamatórios e nociceptivos. Neste trabalho, foi avaliada a atividade da Ouabaína na inflamação aguda desencadeada pela ad...

  6. Factors influencing the mechanical behaviour of healthy human descending thoracic aorta

    International Nuclear Information System (INIS)

    Guinea, Gustavo V; Atienza, José M; Rojo, Francisco J; Yiqun, Li; Claes, Els; Elices, Manuel; García-Herrera, Claudio M; Goicolea, José M; García-Montero, Carlos; Burgos, Raúl L; Goicolea, Francisco J

    2010-01-01

    In recent times, significant effort has been made to understand the mechanical behaviour of the arterial wall and how it is affected by the different vascular pathologies. However, to be able to interpret the results correctly, it is essential that the influence of other factors, such as aging or anisotropy, be understood. Knowledge of mechanical behaviour of the aorta has been customarily constrained by lack of data on fresh aortic tissue, especially from healthy young individuals. In addition, information regarding the point of rupture is also very limited. In this study, the mechanical behaviour of the descending thoracic aorta of 28 organ donors with no apparent disease, whose ages vary from 17 to 60 years, is evaluated. Tensile tests up to rupture are carried out to evaluate the influence of age and wall anisotropy. Results reveal that the tensile strength and stretch at failure of healthy descending aortas show a significant reduction with age, falling abruptly beyond the age of 30. This fact places age as a key factor when mechanical properties of descending aorta are considered

  7. The value of anterior displacement of the abdominal aorta in diagnosing neuroblastoma in children

    Energy Technology Data Exchange (ETDEWEB)

    Schiavon, Jose Luiz de Oliveira; Caran, Eliana Maria Monteiro; Lederman, Henrique Manoel, E-mail: schiavon00@gmail.com [Universidade Federal de Sao Paulo (EPM/UNIFESP), Sao Paulo, SP (Brazil). Escola Paulista de Medicina; Odone Filho, Vicente [Universidade de Sao Paulo (FM/USP), Sao Paulo, SP (Brazil). Faculdade de Medicina

    2016-11-15

    Objective: To determine the value of anterior displacement of the abdominal aorta, when present at any level or only at the level of the adrenal gland, contralateral to the mass, in diagnosing neuroblastoma on computed tomography or magnetic resonance imaging in children up to 7 years of age. Materials and Methods: Imaging examinations of 66 patients were classified by consensus as for the presence of anterior aorta displacement and were compared with the pathology report. Results: We found anterior abdominal aorta displacement in 26 (39.39%) of the 66 patients evaluated. Among those 26 patients, we identified neuroblastoma in 22 (84.62%), nephroblastoma in 3 (11.54%), and Burkitt lymphoma in 1 (3.85%). The positive predictive value was 84.62%, and the specificity was 88.24%. The displacement of the aorta was at the adrenal level, contralateral to the mass, in 14 cases, all of which were attributed to neuroblastoma. Conclusion: When the abdominal aorta is displaced at the level of the adrenal gland, contralateral to the mass, it can be said that the diagnosis is neuroblastoma, whereas abdominal aorta displacement occurring at other abdominal levels has a positive predictive value for neuroblastoma of approximately 85%. (author)

  8. The value of anterior displacement of the abdominal aorta in diagnosing neuroblastoma in children

    International Nuclear Information System (INIS)

    Schiavon, Jose Luiz de Oliveira; Caran, Eliana Maria Monteiro; Lederman, Henrique Manoel; Odone Filho, Vicente

    2016-01-01

    Objective: To determine the value of anterior displacement of the abdominal aorta, when present at any level or only at the level of the adrenal gland, contralateral to the mass, in diagnosing neuroblastoma on computed tomography or magnetic resonance imaging in children up to 7 years of age. Materials and Methods: Imaging examinations of 66 patients were classified by consensus as for the presence of anterior aorta displacement and were compared with the pathology report. Results: We found anterior abdominal aorta displacement in 26 (39.39%) of the 66 patients evaluated. Among those 26 patients, we identified neuroblastoma in 22 (84.62%), nephroblastoma in 3 (11.54%), and Burkitt lymphoma in 1 (3.85%). The positive predictive value was 84.62%, and the specificity was 88.24%. The displacement of the aorta was at the adrenal level, contralateral to the mass, in 14 cases, all of which were attributed to neuroblastoma. Conclusion: When the abdominal aorta is displaced at the level of the adrenal gland, contralateral to the mass, it can be said that the diagnosis is neuroblastoma, whereas abdominal aorta displacement occurring at other abdominal levels has a positive predictive value for neuroblastoma of approximately 85%. (author)

  9. Artérias mesentéricas cranial e caudal da paca (Cuniculus paca, L. 1766

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Isabela Cristina de Souza Marques

    2012-10-01

    Full Text Available http://dx.doi.org/10.5007/2175-7925.2013v26n1p165 A paca (Cuniculus paca, Linnaeus, 1766 é um roedor de porte médio, que embora pertença à fauna brasileira, poucas são as informações sobre sua morfologia na literatura especializada. Nesse sentido, objetivou-se descrever a origem e as ramificações de suas artérias mesentéricas cranial e caudal no intuito de contribuir com estudos de anatomia comparativa. Foram utilizados dez animais, entre machos e fêmeas, que após o óbito, tiveram sua parede torácica rebatida entre a quarta e a sexta costelas, para a exposição da aorta torácica, a qual foi canulada no sentido caudal e procedeu-se a injeção de solução de neoprene do tipo látex, corado convenientemente, para o preenchimento de todo o sistema arterial. Estas preparações foram fixadas em solução aquosa de formol a 10% por período superior à 72h; em seguida, as peças foram dissecadas e as artérias mesentéricas cranial e caudal identificadas. A artéria mesentérica cranial se originava da aorta abdominal, caudalmente à artéria celíaca, emitindo os seguintes ramos arteriais: pancreaticoduodenal caudal, pancreáticos, jejunais, íleocólicos e cecais. A origem da artéria mesentérica caudal ocorria próximo ao final da aorta abdominal, e este vaso emitia a artéria cólica esquerda e a artéria retal cranial, da qual partiam as artérias sigmóideas. Constatou-se que houve pouca variação no padrão de ramificação das artérias em relação aos referidos roedores e mamíferos domésticos.

  10. Meningites bacterianas no lactente aspectos neurológicos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    M. Valeriana L. de Moura-Ribeiro

    1990-06-01

    Full Text Available Aspectos clínicos, neurológicos e laboratoriais das meningites bacterianas agudas no lactente são criticamente analisados em função da experiência da autora. São apresentadas considerações fisiopatológicas sobre os eventos que ocorrem na fase aguda desses processos.

  11. De ‘Bouffée Délirante’ a Perturbação Psicótica Aguda e Transitória: Revisitação do Conceito a propósito de um caso clínico

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Joana Silva Ribeiro

    2018-01-01

    Full Text Available Introdução: Desde o Séc. XIX que têm sido descritos quadros psicóticos de início súbito e duração limitada. Tendo sido a ‘Bouffée Délirante’ o primeiro quadro a ser descrito, ao longo da história da Psiquiatria várias foram as entidades nosológicas que, entretanto, surgiram nas diferentes escolas: Psicose Ciclóide, Psicose Psicogénica, Psicose Atípica, entre outros. Objetivos: Neste artigo, a propósito de um caso clínico, os autores propõem-se realizar uma revisão dos conceitos históricos das Perturbações Psicóticas Agudas e Transitórias. Métodos: Descrição de um caso clínico e revisão da literatura. Resultados: Caso clínico de um doente de 44 anos com quadro psicótico de início agudo e curta duração, com remissão completa em três dias e retorno ao seu nível de funcionamento habitual. Discussão/Conclusão: Apesar das divergências entre as diferentes concepções teóricas que se mantiveram durante décadas como entidades independentes, actualmente, esses conceitos encontram-se reunidos na 10ª edição da Classificação Internacional de Doenças (CID-10 sob a denominação de Perturbações Psicóticas Agudas e Transitórias. Embora estas classificações não incluam todas as características clínicas inicialmente descritas, procurando o estabelecimento de critérios diagnósticos mais específicos, existe ainda uma percentagem significativa de doentes nos quais o diagnóstico é revisto para uma doença mental crónica.

  12. O nefrologista como consultor ante a intoxicação aguda: epidemiologia das intoxicações graves no Rio Grande do Sul e métodos de aumento da depuração renal

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    José Alberto Rodrigues Pedroso

    2010-12-01

    Full Text Available Intoxicações acidentais e intencionais constituem- se em fonte significativa de morbimortalidade. Em emergências ou UTIs, frequentemente o Nefrologista é chamado como consultor para auxiliar na indicação de medidas de aumento da depuração renal de agentes tóxicos. Revisamos o emprego de diálise nas intoxicações agudas por medicamentos ou pesticidas, cujo suporte especializado toxicológico foi realizado por telefone pelo Centro de Informação Toxicológica do Rio Grande do Sul (CIT-RS. Avaliamos a correlação entre necessidade de diálise e óbitos em coorte retrospectivo (1998- 2000. Dos 36.055 atendimentos, 337 foram identificados como graves, 245 preenchendo os critérios de inclusão exigidos. A idade média foi 30 ± 18 anos; 53% mulheres. Medicamentos frequentemente envolvidos foram anticonvulsivantes e antidepressivos, entre outros; quanto aos pesticidas, organofosforados, bipiridílicos e glifosato. Métodos de aumento da eliminação incluíram alcalinização urinária (n = 37 e métodos dialíticos. Diálise entre intoxicações severas ocorreu em 4,5% (n = 11, 3,67 procedimentos/ano (1/22,7 relatos de casos severos. No grupo que dialisou, em 91%, a circunstância foi tentativa de suicídio (principalmente fenobarbital e paraquat. Dois casos requereram hemoperfusão (cloranfenicol e paraquat. Óbitos entre pacientes graves não submetidos a diálise ocorreram em 25,6%, versus 36,3% entre dialisados (RR = 0,89; IC 95% = 0,54-1,35. Os achados podem ser explicados pelo poder estatístico associado ao número de procedimentos realizados. O Nefrologista deve estar atento para situações que requerem o emprego de medidas dialíticas, ainda que não necessariamente para substituição renal, mas para aumento da depuração do agente tóxico.

  13. Obstructive pneumonia: an indication for surgery in mega aorta syndrome.

    Science.gov (United States)

    Kalkat, Maninder S; Bonser, Robert S

    2003-04-01

    A 76-year-old woman with annuloaortic ectasia, aortic regurgitation, and aneurysmal dilatation extending from the root to mid descending aorta presented with symptoms of bronchial compression and obstructive pneumonitis. Despite vigorous antibiotic treatment and physiotherapy, the pneumonitis persisted with clinical and radiologic deterioration. An emergency operation was performed to relieve bronchial compression. The operation comprised homograft aortic root replacement with prosthetic replacement of the arch and descending aorta. Postoperatively the pneumonia rapidly resolved.

  14. Tratamento artroscópico da luxação acromio-clavicular pelo método "tight rope" (arthrex® Arthroscopic treatment of acromioclavicular joint dislocation by tight rope technique (arthrex®

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luis Alfredo Gómez Vieira

    2009-02-01

    Full Text Available OBJETIVO: Apresentar a técnica cirúrgica artroscópica pelo método "Tight Rope" e a avaliação dos resultados com esta técnica no tratamento da luxação acrômio-clavicular aguda. MÉTODOS: entre agosto de 2006 e maio de 2007, 10 ombros de 10 pacientes com luxação acrômio-clavicular aguda foram submetidos a tratamento artroscópcio pela técnica Tight Rope-Arthrex®. O seguimento mínimo foi de 12 meses, com média de 15 meses. A idade variou de 26 e 42 anos com média de 34 anos. Todos os pacientes eram do sexo masculino. Todos os pacientes foram atendidos na fase aguda da lesão sendo avaliados por radiologia simples (série trauma. Os pacientes foram acompanhados semanalmente no primeiro mês e a cada três meses após o procedimento artroscópico. A avaliação clínica foi feita por meio dos critérios da University of Califórnia at Los Angeles (UCLA. RESULTADOS: Todos os pacientes operados agudamente encontravam-se satisfeitos com os resultados do tratamento cirúrgico artroscópico com uma média de 32,5 pontos na escala de avaliação da UCLA. CONCLUSÃO: O tratamento artroscópico da luxação acrômio-clavicular aguda pelo método "Tight Rope" é uma técnica cirúrgica minimamente invasiva que mostrou-se eficiente para o tratamento destas lesões.OBJECTIVE: Presenting the arthroscopic treatment by Tight Rope - Arthrex® system for acute acromioclavicular dislocation and to evaluate results obtained with this procedure. METHODS: Between August 2006 and May 2007, 10 shoulders of 10 patients with acute acromioclavicular dislocation were submitted to arthroscopic repair using the Tight Rope - Arthrex® system. Minimum follow-up was 12 months, with a mean of 15 months. Age ranged from 26 to 42, mean 34 years. All patients were male. Radiology evaluation was made by trauma series x-ray. The patients were assisted in the first month weekly and after three months after the procedure. Clinical evaluation was based on the University

  15. Fatores envolvidos na migração das endopróteses em pacientes submetidos ao tratamento endovascular do aneurisma da aorta abdominal Factors involved in the migration of endoprosthesis in patients undergoing endovascular aneurysm repair

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marcelo José de Almeida

    2010-06-01

    Full Text Available A migração da endoprótese é complicação do tratamento endovascular definida como deslocamento da ancoragem inicial. Para avaliação da migração, verifica-se a posição da endoprótese em relação a determinada região anatômica. Considerando o aneurisma da aorta abdominal infrarrenal, a área proximal de referência consiste na origem da artéria renal mais baixa e, na região distal, situa-se nas artérias ilíacas internas. Os pacientes deverão ser monitorizados por longos períodos, a fim de serem identificadas migrações, visto que estas ocorrem normalmente após 2 anos de implante. Para evitar migrações, forças mecânicas que propiciam fixação, determinadas por características dos dispositivos e incorporação da endoprótese, devem predominar sobre forças gravitacionais e hemodinâmicas que tendem a arrastar a prótese no sentido caudal. Angulação, extensão e diâmetro do colo, além da medida transversa do saco aneurismático, são importantes aspectos morfológicos do aneurisma relacionados à migração. Com relação à técnica, não se recomenda implante de endopróteses com sobredimensionamento excessivo (> 30%, por provocar dilatação do colo do aneurisma, além de dobras e vazamentos proximais que também contribuem para a migração. Por outro lado, endopróteses com mecanismos adicionais de fixação (ganchos, farpas e fixação suprarrenal parecem apresentar menos migrações. O processo de incorporação das endopróteses ocorre parcialmente e parece não ser suficiente para impedir migrações tardias. Nesse sentido, estudos experimentais com endopróteses de maior porosidade e uso de substâncias que permitam maior fibroplasia e aderência da prótese à artéria vêm sendo realizados e parecem ser promissores. Esses aspectos serão discutidos nesta revisão.Migration of the endoprosthesis is defined as the misplacement of its initial fixation. To assess the migration, the position of the

  16. Spiral CT-angiography of the aorta

    NARCIS (Netherlands)

    Balm, R.; Eikelboom, B. C.; van Leeuwen, M. S.; Noordzij, J.

    1994-01-01

    AIMS: To determine whether the new technique of CT-angiography was accurate in displaying the complex anatomy of the aorta and its major branches. METHODS: Seventeen patients with a variety of aortic pathology were examined. Using a spiral CT-scanner a volumetric scan was made during injection of

  17. Isquemia aguda de miembros inferiores secundaria a ergortismo

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Franco J. Vallejo, MD

    2011-11-01

    Full Text Available Paciente de género femenino, de 21 años de edad, quien ingresó por dolor progresivo e intenso en miembros inferiores, y refirió antecedente reciente de ingestión de derivados del ergot. Al examen físico se observó ausencia de pulsos en ambos miembros inferiores. Por angiotomografia se documentó disminución severa, generalizada y bilateral, del calibre de los vasos arteriales de miembros inferiores. Se diagnosticó isquemia arterial aguda secundaria a ergotismo y se inició tratamiento con vasodilatadores y calcio-antagonistas, que resolvió los síntomas en su totalidad.

  18. Caracterización del comportamiento clínico-quirúrgico de la pancreatitis aguda en una unidad hospitalaria de Pinar del Río

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Eduardo Rogelio García Noguera

    2015-08-01

    Full Text Available Introducción: la pancreatitis aguda es una enfermedad que produce diversos grados de inflamación en el órgano y puede llegar hasta la necrosis glandular. Objetivo: caracterizar el comportamiento clínico-quirúrgico en los pacientes con pancreatitis aguda en el Hospital General Docente "Abel Santamaría Cuadrado" de Pinar del Rio, en el periodo de 2009-2012. Material y método: se realizó una investigación observacional, descriptiva, longitudinal, retrospectiva, en pacientes con diagnóstico de pancreatitis aguda, ingresados en el Hospital General Docente "Abel Santamaría Cuadrado", de Pinar del Río, entre el 2009 y el 2012. Resultados: el 53,3% de los pacientes ingresó en el Servicio de Cirugía y el resto en la Unidad de Cuidados Intensivos. El 77,8% de los pacientes fueron intervenidos quirúrgicamente antes de transcurrir 48 horas desde el ingreso. Existió un predominio notable de enfermos complicados que ingresaron en las salas de cirugía, prevaleciendo en estos las complicaciones agudas o sistémicas. En los pacientes operados la mortalidad se elevó considerablemente un 42,1%. Conclusiones: para llevar a cabo una conducta adecuada en los pacientes ingresados con pancreatitis aguda, y de esta manera reducir las complicaciones y fallecimiento por esta causa, se deben ingresar desde el inicio en una sala de cuidados intensivos; además de incrementar el empleo de investigaciones como la TAC abdominal y disminuir los casos intervenidos quirúrgicamente.

  19. Efeito econômico do uso da oxigenação extracorpórea para suporte de pacientes adultos com insuficiência respiratória grave no Brasil: uma análise hipotética

    OpenAIRE

    Park, Marcelo; Mendes, Pedro Vitale; Zampieri, Fernando Godinho; Azevedo, Luciano Cesar Pontes; Costa, Eduardo Leite Vieira; Antoniali, Fernando; Ribeiro, Gustavo Calado de Aguiar; Caneo, Luiz Fernando; Cruz Neto, Luiz Monteiro da; Carvalho, Carlos Roberto Ribeiro; Trindade, Evelinda Marramon

    2014-01-01

    Objetivo: Analisar o custo-utilidade do uso da oxigenação extracorpórea para pacientes com síndrome da angústia respiratória aguda grave no Brasil. Métodos: Com bancos de dados de estudos previamente publicados, foi construída uma árvore encadeada de decisões. Os custos foram extraídos da média de 3 meses do preço pago pelo Sistema Único de Saúde em 2011. Com 10 milhões de pacientes simulados com desfechos e custos predeterminados, uma análise da relação de incremento de custo e de anos d...

  20. Calcio sérico total y calcio corregido como predictores de severidad en pancreatitis aguda

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    A.A. Gutiérrez-Jiménez

    2014-01-01

    Conclusiones: El CT y CCA tomados en las primeras 24 h son útiles como predictores de severidad en pancreatitis aguda, con valores de S y predictivos comparables o superiores a los de las escalas pronósticas tradicionales.

  1. Tensile characterisation of the aorta across quasi-static to blast loading strain rates

    Science.gov (United States)

    Magnus, Danyal; Proud, William; Haller, Antoine; Jouffroy, Apolline

    2017-06-01

    The dynamic tensile failure mechanisms of the aorta during Traumatic Aortic Injury (TAI) are poorly understood. In automotive incidents, where the aorta may be under strains of the order of 100/s, TAI is the second largest cause of mortality. In these studies, the proximal descending aorta is the most common site where rupture is observed. In particular, the transverse direction is most commonly affected due to the circumferential orientation of elastin, and hence the literature generally concentrates upon axial samples. This project extends these dynamic studies to the blast loading regime where strain-rates are of the order of 1000/s. A campaign of uniaxial tensile experiments are conducted at quasi-static, intermediate (drop-weight) and high (tensile Split-Hopkinson Pressure Bar) strain rates. In each case, murine and porcine aorta models are considered and the extent of damage assessed post-loading using histology. Experimental data will be compared against current viscoelastic models of the aorta under axial stress. Their applicability across strain rates will be discussed. Using a multi-disciplinary approach, the conditions applied to the samples replicate in vivo conditions, employing a blood simulant-filled tubular specimen surrounded by a physiological solution.

  2. Insuficiência respiratória aguda durante anestesia pediátrica: atelectasia e pneumotórax hipertensivo: relato de caso

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Joel Massari Rezende

    2012-02-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: A tarefa primordial do anestesiologista é garantir a adequada oxigenação do paciente. O objetivo deste relato é des crever o diagnóstico e conduta em um caso de insuficiência respiratória aguda durante anestesia, com finalidade didática. RELATO DO CASO: Criança de três anos submetida à anestesia para cirurgia urológica apresentou insuficiência respiratória por obstruções de brônquios por secreção, evoluindo com atelectasia e pneumotórax hipertensivo. Apresentamos o desenrolar do caso, e os meios de tratamento aplicado, com destaque para a urgência e técnica da drenagem no pneumotórax hipertensivo. CONCLUSÕES: A atenção do anestesiologista para o diagnóstico precoce de complicações respiratórias e o conhecimento das medidas prioritárias em cada momento pode evitar efeitos adversos graves

  3. Shape of the dilated aorta in children with bicuspid aortic valve

    International Nuclear Information System (INIS)

    Mart, Christopher R; McNerny, Bryn E

    2013-01-01

    The dilated aorta in adults with bicuspid aortic valve has been shown to have different shapes, but it is not known if this occurs in children. This observational study was performed to determine if there are different shapes of the dilated aorta in children with bicuspid aortic valve and their association with age, gender, hemodynamic alterations, and degree of aortic enlargement. One hundred and eighty-seven echocardiograms done on pediatric patients (0 – 18 years) for bicuspid aortic valve, during 2008, were reviewed. Aortic valve morphology, shape/size of the aorta, and pertinent hemodynamic alterations were documented. Aortic dilation was felt to be present when at least one aortic segment had a z-score > 2.0; global aortic enlargement was determined by summing the aortic segment z-scores. The aortic shape was assessed by age, gender, valve morphology, and hemodynamic alterations. Aortic dilation was present in 104/187 patients. The aorta had six different shapes designated from S1 through S6. There was no association between the aortic shape and gender, aortic valve morphology, or hemodynamic abnormalities. S3 was the most common after the age of six years and was associated with the most significant degree of global aortic enlargement. The shape of the dilated aorta in children with bicuspid aortic valve does not occur in a uniform manner and multiple shapes are seen. S2 and S3 are most commonly seen. As aortic dilation becomes more significant, a single shape (S3) becomes the dominant pattern

  4. Immunohistochemical expression of oestrogen and progesterone receptors during experimental acute and chronic murine Schistosomiasis mansoni Expressão imunohistoquímica de receptores para estrogênio e progesterona nas fases aguda e crônica da esquistossomose mansônica experimental em camundongos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fawzia Ahmed Habib

    2010-10-01

    Full Text Available INTRODUCTION: The responsibility of Schistosoma mansoni in female infertility is still controversial. This study was conducted to evaluate the effect of acute and chronic schistosomiasis mansoni infection on the endometrium using immunohistochemical analysis of uterine hormone receptor expression. METHODS: Twenty-four nonpregnant swiss albino mice were divided into three groups: control, noninfected; acute; and chronic Schistosoma mansoni infection. Histological sections of uterine specimens were examined by light microscope with an image analyzing system to detect structural histological, estrogen receptor (ER and progesterone receptor (PR expression in the endometrium. RESULTS: No secretory phase was detected in the endometrium in acute and chronic Schistosoma infection. Hormone receptor expression (ER and PR showed statistically significant differences among the groups (pINTRODUÇÃO: A responsabilidade do Schistosoma mansoni em esterilidade feminina é ainda controversa. Este estudo é conduzido para avaliar o efeito da esquistossomose mansoni aguda e crônica no endométrio usando análise de imuno-histoquímíca da expressão de receptor hormonal uterina. MÉTODOS: Vinte e quatro camundongos fêmeas albinas suíças não grávidas foram divididas em 3 grupos (controle não-infectado, grupos agudos e crônicos infeccionados com Schistosoma mansoni. As seções histológicas de espécimes uterinos foram examinadas por microscópio leve com imagem, analisando sistema para detectar no endométrio expressões histológicas estruturais, receptor de estrogênio (ER e receptor de progesterona (PR. RESULTADOS: Nenhuma fase secretora foi detectada no endométrio com infecção aguda e crônica de Schistosoma. A expressão hormonal de receptor (ER e PR mostrou diferenças estatisticamente significantes entre grupos diferentes (p<0,05 com baixa significativa hormonal de ER com infecção crônica (comparado com controle proliferativo, controle secret

  5. Aspectos nutricionais na lesão renal aguda Nutritional aspects in acute kidney injury

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marina Nogueira Berbel

    2011-10-01

    Full Text Available A avaliação nutricional é ferramenta indispensável para a monitoração e acompanhamento clínico do paciente com lesão renal aguda (LRA. A perda aguda da função renal interfere no metabolismo de todos os macronutrientes, propiciando situações pró-inflamatórias, pró-oxidativas e de hipercatabolismo. As principais alterações nutricionais no paciente com LRA são hipercatabolismo, hiperglicemia e hipertrigliceridemia, que, somadas às contribuições da doença de base, complicações e necessidade de terapia renal substitutiva, podem interferir na depleção nutricional do paciente. A desnutrição em pacientes com LRA está associada a maior incidência de complicações, maior tempo de internação e maior mortalidade. Entretanto, existem poucos estudos na literatura avaliando o estado nutricional de pacientes com LRA. Parâmetros antropométricos como índice de massa corporal, circunferência do braço e pregas cutâneas são de difícil interpretação, devido à alteração no estado de hidratação desses pacientes. Os parâmetros bioquímicos geralmente utilizados na rotina clínica também sofrem influência de fatores não nutricionais, como prejuízo da função hepática e estado inflamatório. Embora não existam dados prospectivos sobre o comportamento dos marcadores nutricionais, alguns autores conseguiram demonstrar associações de alguns parâmetros com desfecho clínico. A utilização de marcadores como albumina, colesterol, pré-albumina, IGF-1, aplicação da avaliação subjetiva global e cálculo do balanço nitrogenado parecem ser úteis como parâmetros de triagem para pior prognóstico e maior mortalidade em pacientes com LRA. Em pacientes com LRA em terapia renal substitutiva, uma oferta calórica em torno de 25 a 30 kcal/kg e oferta mínima de 1,5 g/kg/dia de proteínas é recomendada a fim de minimizar o catabolismo proteico e prevenir complicações metabólicas.Nutritional assessment is an

  6. Incidencia y factores de riesgo para adquirir diarrea aguda en una comunidad rural de la selva peruana

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    César Henríquez Camacho

    2002-04-01

    Full Text Available Objetivo: Determinar la incidencia y factores de riesgo para adquirir diarrea aguda en una comunidad rural localizada en la selva del departamento de San Martín, Perú. Material y métodos: Una cohorte de 119 personas fue seleccionada al azar entre la población de 446 habitantes y seguida diariamente por un mes entre enero y febrero de 1999, buscando casos de diarrea aguda, definida como tres ó más cámaras de deposiciones al día por no más de 3 días. Un estudio caso control pareado fue diseñado para determinar los factores de riesgo para adquirir diarrea. Resultados: Fueron observados 18 casos de diarrea aguda; la incidencia fue 15.1 casos por 100 personas-mes (IC 95%: 9.45-23.12. La edad media de los casos fue de 10.7 años (rango: 1-34 años y 66% de los casos fueron niños menores de 10 años de edad. Los factores de riesgo para adquirir diarrea fueron: consumo de alimentos crudos, RR: 2.2 (IC 95%: 1.12-4.33, consumo de alimentos no lavados, RR: 4.47 (IC 95%: 1.56-12.82, falta de lavado de manos antes de alimentarse, RR: 9.61 (95% IC: 1.44-64.16, consumo de agua no hervida, RR: 4.52 (IC 95%: 1.23-16.65 y alimentación fuera de casa, RR: 2.2 (IC 95%: 1.51-3.20. La diferencia en el número promedio (DE de personas que vivían por casa entre casos y controles fue de 4.38 (1.03 vs. 3.22 (0.54, p=0.0003, respectivamente. No hubo diferencia en el tiempo de residencia en la comunidad entre casos y controles, media de 5.61 ( 5.04 años vs. 8.83 (9.79, p=0.5747. Conclusiones: Diarrea aguda es un problema de salud pública en la selva de San Martín. Hacinamiento, carencia de saneamiento y pobres prácticas higiénicas son los responsables para adquirir diarrea aguda en esta comunidad de bajo nivel socioeconómico. Campañas educativas y mejora en las condiciones sanitarias son claramente necesarias para superar este problema.

  7. Validação prospectiva do escore de risco dante pazzanese em síndrome coronariana aguda sem supradesnivelamento do segmento ST

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Elizabete Silva dos Santos

    2013-09-01

    Full Text Available FUNDAMENTO: Em Síndrome Coronariana Aguda (SCA sem Supradesnivelamento do segmento ST (SST é importante estimar a probabilidade de eventos adversos. Para esse fim, as diretrizes recomendam modelos de estratificação de risco. O escore de risco Dante Pazzanese (escore DANTE é um modelo simples de estratificação de risco, composto das variáveis: aumento da idade (0 a 9 pontos; antecedente de diabete melito (2 pontos ou acidente vascular encefálico (4 pontos; não uso de inibidor da enzima conversora da angiotensina (1 ponto; elevação da creatinina (0 a 10 pontos; combinação de elevação da troponina e depressão do segmento ST (0 a 4 pontos. OBJETIVO: Validar o escore DANTE em pacientes com SCA sem SST. MÉTODOS: Estudo prospectivo, observacional, com inclusão de 457 pacientes, de setembro de 2009 a outubro de 2010. Os pacientes foram agrupados em: muito baixo, baixo, intermediário e alto risco de acordo com a pontuação do modelo original. A habilidade preditiva do escore foi avaliada pela estatística-C. RESULTADOS: Foram 291 (63,7% homens e a média da idade 62,1 anos (11,04. Dezessete pacientes (3,7% apresentaram o evento de morte ou (reinfarto em 30 dias. Ocorreu aumento progressivo na proporção do evento, com aumento da pontuação: muito baixo risco = 0,0%; baixo risco = 3,9%; risco intermediário = 10,9%; alto risco = 60,0%; p < 0,0001. A estatística-C foi de 0,87 (IC 95% 0,81-0,94; p < 0,0001. CONCLUSÃO: O escore DANTE apresentou excelente habilidade preditiva para ocorrência dos eventos específicos e pode ser incorporado na avaliação prognóstica de pacientes com SCA sem SST.

  8. Síndromes coronarianas agudas: tratamento e estratificação de risco Acute coronary syndromes: treatment and risk stratification

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Antonio Eduardo Pereira Pesaro

    2008-06-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: As síndromes coronarianas agudas são resultado da ruptura de uma placa coronariana instável, complicada pela formação de trombo intraluminal, embolização e graus variáveis de obstrução coronária. Pacientes com oclusão total de uma artéria coronária apresentam infarto agudo do miocárdio (IAM com supradesnivelamento do segmento ST. Uma oclusão parcial do vaso pode resultar em IAM sem supradesnivelamento do segmento ST ou angina instável. As manifestações clínicas e as alterações eletrocardiográficas são componentes fundamentais para identificação dos pacientes portadores destas síndromes. A triagem rápida e eficaz desses pacientes, quanto à presença ou não do supradesnivelamento do segmento ST, é fundamental para a determinação da estratégia terapêutica a ser empregada. O objetivo deste estudo foi realizar uma revisão da literatura sobre as evidências atuais e as recomendações para avaliação e tratamento das síndromes coronarianas agudas. CONTEÚDO: Revisão da literatura, utilizando as bases eletrônicas de dados MedLine e LILACS, no período de janeiro de 1990 a setembro de 2007. CONCLUSÕES: A reperfusão da artéria responsável pelo infarto é a etapa fundamental no tratamento de pacientes com infarto agudo do miocárdio com supradesnivelamento do segmento ST. A terapia trombolítica ou a intervenção coronariana percutânea são duas opções terapêuticas bem estabelecidas na literatura. Pacientes portadores de IAM sem supradesnivelamento do segmento ST ou angina instável necessitam de estratificação de risco precoce. Pacientes de alto risco devem ser submetidos à estratégia invasiva precoce, que consiste na realização do cateterismo cardíaco nas primeiras 24-48 horas do início dos sintomas.BACKGROUND AND OBJECTIVES: Acute coronary syndromes result from a disruption of a vulnerable coronary plaque complicated by intraluminal thrombus formation, embolisation, and

  9. Ação do prebiótico sobre as proteínas de fase aguda de pacientes com neoplasia hematológica Action of prebiotics on proteins in the acute phase of hematologic neoplasia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Telma Búrigo

    2007-06-01

    Full Text Available Os pacientes com neoplasias hematológicas são submetidos a tratamento quimioterápico que induz uma intensa alteração na integridade da mucosa intestinal, favorecendo um aumento da sua morbi-mortalidade. O presente trabalho foi desenvolvido na Unidade de Transplante de Medula Óssea do Centro de Pesquisas Oncológicas em Florianópolis - SC e teve como objetivo estudar a ação do prebiótico na resposta de proteína da fase aguda de pacientes com neoplasias hematológicas submetidos à quimioterapia. Foi realizado um estudo clínico randomizado duplo cego envolvendo 25 pacientes divididos em dois grupos que receberam por 15 dias: 12g de FOS (n=14 ou placebo (maltodextrina (n=11. Todas as variáveis foram determinadas antes e após a suplementação. Foram avaliados os níveis séricos das proteínas de fase aguda negativas (albumina e pré-albumina e a proteína de fase aguda positiva, proteína C reativa (PCR. Verificaram-se a presença de diarréia e de constipação, bem como a quantidade de bifidobactérias e valores de pH fecal. A redução dos níveis séricos de proteínas de fase aguda negativas (albumina e pré-albumina comprovam o intenso catabolismo protéico, priorizando a síntese de proteína de fase aguda positiva (PCR. O grupo suplementado apresentou um aumento significante na quantidade de bifidobactérias e o pH fecal não foi alterado em ambos os grupos. Os níveis séricos de PCR foram estatisticamente superiores no grupo controle, indicando a ocorrência de processos inflamatórios e maior demanda metabólica, sugerindo que a quantidade de bifidobactérias pode ter favorecido a redução deste quadro no grupo suplementado, confirmado pela correlação negativa entre estas variáveis.Patients with hematologic neoplasias are submitted to chemotherapeutic treatment that induces intense alterations in the integrity of the intestinal mucous membrane, favoring an increase in the morbimortality rate. The current work was

  10. Pneumonia por varicela associada com síndrome da angústia respiratória aguda: relato de dois casos Varicella pneumonia complicated with acute respiratory distress syndrome: two cases report

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marcelo Moreno

    2007-03-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: A varicela é uma doença exantemática causada pela infecção primária do vírus varicela zoster (VVZ. A pneumonia pelo VVZ complicada com a síndrome da angústia respiratória aguda (SARA é rara e associa-se a altas taxas de morbimortalidade. O objetivo deste estudo foi apresentar dois casos de pneumonia por varicela que evoluíram com SARA e outras disfunções orgânicas. RELATO DOS CASOS: Paciente de 15 anos, imunocomprometido com a síndrome da imunodeficiência adquirida (SIDA e uma paciente do sexo feminino imunocompetente, foram admitidos na UTI com quadro clínico de varicela, SARA, trombocitopenia e acidose graves. Além disso, disfunção cardiovascular e falência renal ocorreram no primeiro e segundo casos, respectivamente. Foram tratados com aciclovir além de ventilação mecânica protetora. CONCLUSÕES: Os dois casos de pneumonia por varicela, que apresentaram SARA e disfunções de múltiplos órgãos, obtiveram boa evolução clínica.BACKGROUNG AND OBJECTIVES: Varicella is an exantematic disease caused by varicella-zoster virus. Varicella pneumonia complicated with acute respiratory distress syndrome (ARDS is very rare in adults and is associated with high morbimortality. We report two cases of ARDS secondary to varicella-zoster virus pneumonia. CASES REPORT: We report two cases of ARDS and multiple organ dysfunction syndrome (MODS secondary to varicella-zoster virus pneumonia. A 15-year-old man with human immunodeficiency virus (HIV infection and a 29-year-old immunocompetent female were admitted in the ICU with primary varicella infection and pneumonia. Both cases progressed towards ARDS, severe thrombocytopenia and acidosis. In addition cardiovascular and renal failure occurred in the first and second patients, respectively. Treatment consisted of immediate administration of intravenous acyclovir and a lung-protective ventilation strategy. CONCLUSIONS: Both cases of varicella

  11. Como o ortopedista brasileiro trata entorse lateral aguda do tornozelo? How does the brazilian orthopedic surgeon treat acute lateral ankle sprain?

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Paulo Santoro Belangero

    2010-01-01

    Full Text Available OBJETIVO: A entorse lateral aguda do tornozelo (ELAT é uma afecção frequente cujo tratamento ainda não se encontra totalmente estabelecido. O objetivo do estudo foi verificar a conduta do médico ortopedista brasileiro (incluindo residentes em relação ao diagnóstico, classificação, tratamento e complicações da entorse lateral aguda do tornozelo (ELAT. MÉTODOS: Um questionário de múltipla escolha foi elaborado com objetivo de abordar os principais aspectos do tratamento da ELAT. O questionário foi veiculado na página eletrônica oficial da Sociedade Brasileira de Ortopedia e Traumatologia, no período de 15 de junho a 1º de agosto de 2004. RESULTADOS: Foram incluídos para análise um total de 444 questionários. Os resultados demonstraram concordância da maioria dos entrevistados em relação aos seguintes aspectos: 90,8% utilizam alguma classificação para nortear o tratamento da entorse; 59% classificam a ELAT com segurança; 63,7% utilizam imobilização rígida nas lesões ligamentares completas; 60,6% utilizam medicação anti-inflamatória na ruptura ligamentar parcial; 75,9% relataram que a dor residual é a complicação mais frequente. Não houve consenso quanto ao método de imobilização da ELAT parcial visto que imobilização e tratamento funcional foram escolhidos com a mesma frequência (47%. Não houve diferenças significativas entre as respostas dos residentes e a dos ortopedistas (p = 0,81. CONCLUSÕES: Os ortopedistas e residentes em ortopedia do Brasil têm dificuldade em classificar a ELAT e não há consenso quanto à melhor opção para a ELAT parcial.OBJECTIVE: Acute lateral ankle sprain (ALAS is one of the most common injuries, the treatment of which has yet to be firmly established. The purpose of this study was to determine the Brazilian Orthopaedic Surgeon's behavior in relation to diagnosis, classification, treatment and complications of the Acute Lateral Ankle Sprain. METHODS: A multiple choice

  12. RESPOSTAS AGUDAS DO EXERCÍCIO FÍSICO EM PESSOAS INFECTADAS PELO HIV: UMA REVISÃO SISTEMÁTICA

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Bruno Pereira Melo

    Full Text Available RESUMO O treinamento físico é uma estratégia importante para a saúde de pessoas que vivem com HIV/AIDS; contudo, suas respostas a curto prazo ainda não foram amplamente estudadas, o que limita o entendimento dos efeitos e da segurança da prescrição do treinamento para essa população. Portanto, objetivou-se revisar sistematicamente as respostas agudas decorrentes do exercício físico em pessoas com HIV sobre variáveis fisiológicas e imunológicas. Para isso, foi realizada uma revisão sistemática a partir de trabalhos indexados nas seguintes bases de dados: Medline, Lilacs, Scielo, Web of Science e Science Direct. Os descritores utilizados foram: acquired immunodeficiency syndrome, HIV, AIDS, seropositive, acute session, short, physical activity, exercise, training. As buscas foram realizadas em fevereiro de 2015 e atualizadas em dezembro de 2015 e foram conduzidas sem restrição de datas de publicação ou idioma específico. Foram incluídos para esta revisão artigos que avaliaram as respostas agudas decorrentes de algum modelo de prescrição de treinamento físico envolvendo exercícios aeróbicos, com pesos ou combinados (exercícios aeróbicos e com pesos relacionados com variáveis fisiológicas e imunológicas em pessoas infectadas pelo HIV. Foram encontrados 2.422 títulos, dos quais, após exclusão das duplicatas e a aplicação dos critérios de elegibilidade, foram selecionados sete artigos para síntese qualitativa. De acordo com os resultados reportados pelos estudos há evidências de que, imediatamente após a realização do exercício físico, ocorre um aumento do número de células circulantes, incluindo leucócitos totais, neutrófilos, monócitos e linfócitos T CD8+ em pessoas infectadas pelo HIV. Além disso, também se observaram alterações significantes nas concentrações de lactato, triglicerídeos, epinefrina e norepinefrina imediatamente após a realização do treinamento aer

  13. Mural Thrombus in the Normal-Appearing Descending Thoracic Aorta of a Chronic Smoker

    Science.gov (United States)

    Habib, Habib; Hsu, Judy; Winchell, Patricia Jo; Daoko, Joseph

    2013-01-01

    Thrombus formation in an atherosclerotic or aneurysmal descending thoracic aorta is a well-described, frequently encountered vascular condition. In comparison, thrombus formation in a normal-appearing descending thoracic aorta is reported far less often. We describe the case of a 46-year-old woman who had splenic and renal infarctions secondary to embolic showers from a large, mobile thrombus in a morphologically normal proximal descending thoracic aorta. After the patient underwent anticoagulation, stent-grafting, and surgical bypass to correct an arterial blockage caused by the stent-graft, she resumed a relatively normal life. In contrast with other cases of a thrombotic but normal-appearing descending thoracic aorta, this patient had no known malignancy or systemic coagulative disorders; her sole risk factor was chronic smoking. We discuss our patient's case and review the relevant medical literature, focusing on the effect of smoking on coagulation physiology. PMID:24391341

  14. Ensaio clínico randomizado, duplo-cego, comparativo entre a associação de cafeína, carisoprodol, diclofenaco sódico e paracetamol e a ciclobenzaprina, para avaliação da eficácia e segurança no tratamento de pacientes com lombalgia e lombociatalgia agudas A randomized, double-blind clinical trial, comparing the combination of caffeine, carisoprodol, sodium diclofenac and paracetamol versus cyclobenzaprine, to evaluate efficacy and safety in the treatment of patients with acute low back pain and lumboischialgia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Reynaldo Jesus Garcia Filho

    2006-01-01

    Full Text Available OBJETIVO: Testar eficácia e segurança da associação de diclofenaco, paracetamol, carisoprodol e cafeína, no tratamento da lombalgia e lombociatalgia agudas, comparadas à eficácia e segurança da ciclobenzaprina. DESENHO DO ESTUDO: Ensaio clínico unicêntrico, randomizado, duplo-cego, comparativo. MÉTODO: As medicações foram administradas 3 vezes ao dia por um período de 7 dias. GRUPO ESTUDADO: 108 pacientes com diagnóstico de lombalgia e lombociatalgia agudas nos últimos 7 dias foram randomizados, sendo 54 em cada grupo. DESFECHO: Os critérios de eficácia primários selecionados para o estudo foram escala visual analógica para dor e questionário de Roland Morris, cujos resultados de antes e depois do tratamento foram comparados. Os secundários foram avaliação global do tratamento pelo paciente e pelo investigador e uso da medicação analgésica de resgate. Os critérios de segurança foram análise de tolerabilidade, interrupção da medicação por evento adverso e exames laboratoriais. RESULTADO: Não houve diferença estatística entre os grupos, em relação à eficácia, em nenhum dos desfechos analisados. Ambas as medicações mostraram-se seguras e toleráveis no tratamento da lombalgia e da lombociatalgia agudas. A análise estatística rigorosa mostrou diferença nos dois grupos apenas no que se refere aos eventos adversos, sendo mais freqüentes no grupo que foi tratado com a ciclobenzaprina.OBJECTIVE: To evaluate the efficacy and safety of the combination of diclofenac, paracetamol, carisoprodol, and caffeine in the treatment of acute low back pain and lumboischialgia, compared to the efficacy and safety of cyclobenzaprine. STUDY DESIGN: Single-center, comparative, randomized, double-blind clinical trial. METHOD: Drugs were administered t.i.d. for a period of 7 days. STUDY POPULATION: 108 patients with a diagnosis of acute low back pain and lumboischialgia in the last 7 days were randomized, being included 54

  15. TAVR Through Heavily Calcified Aorta Following Atheroma Retrieval With the "Elevator" Technique.

    Science.gov (United States)

    Senguttuvan, N Boopathy; Ellozy, Sharif; Tejani, Furqan; Kovacic, Jason; Kini, Annapoorna S; Sharma, Samin K; Dangas, George D

    2015-10-01

    An 86-year-old Caucasian female with severe symptomatic, inoperable aortic stenosis was accepted for high-risk transfemoral transcatheter aortic valve replacement (TAVR) approach due to severe calcification of the aorta. During initial passage of a 22 Fr sheath, there was dislodgment with proximal migration of a circumferential tunnel of calcium from the infrarenal aorta. A novel "elevator" technique was used to secure and retrieve the dislodged aorta en bloc back to its original infrarenal aortic position and allow in situ fixation with stenting. A new TAVR system was then successfully placed through the stent and a 23 mm Edwards Sapien valve (Edwards Lifesciences) was implanted as planned. In case of calcification protruding into the lumen of the aorta and limiting the passage of the large valve delivery system sheath, the obstruction can be managed by stenting the calcification against the luminal wall under fluoroscopic and intravascular-ultrasound guidance, allowing successful passage of the valve delivery system. The elevator technique allows axial transportation of any calcified vascular fragments, should they become dislodged.

  16. Lesão pulmonar aguda associada à transfusão Transfusion-related acute lung injury

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Antonio Fabron Junior

    2007-04-01

    Full Text Available Lesão pulmonar aguda associada à transfusão (transfusion-related acute lung injury, TRALI é uma complicação clínica grave relacionada à transfusão de hemocomponentes que contêm plasma. Recentemente, TRALI foi considerada a principal causa de morte associada à transfusão nos Estados Unidos e Reino Unido. É manifestada tipicamente por dispnéia, hipoxemia, hipotensão, febre e edema pulmonar não cardiogênico, que ocorre durante ou dentro de 6 h, após completada a transfusão. Embora o exato mecanismo não tenha sido totalmente elucidado, postula-se que TRALI esteja associada à infusão de anticorpos contra antígenos leucocitários (classes I ou II ou aloantígenos específicos de neutrófilos e a mediadores biologicamente ativos presentes em componentes celulares estocados. A maioria dos doadores implicados em casos da TRALI são mulheres multíparas. TRALI, além de ser pouco diagnosticada, pode ainda ser confundida com outras situações de insuficiência respiratória aguda. Um melhor conhecimento sobre TRALI pode ser crucial na prevenção e tratamento desta severa complicação transfusional.Transfusion-related acute lung injury (TRALI is a serious clinical syndrome associated with the transfusion of plasma-containing blood components. Recently, TRALI has come to be recognized as the leading cause of transfusion-related death in the United States and United Kingdom. This complication typically presents as shortness of breath, hypoxemia, hypotension, fever and noncardiogeneic pulmonary edema, all occurring during or within 6 h after transfusion. Although the mechanism of TRALI has not been fully elucidated, it has been associated with human leukocyte antigen antibodies (class I, class II or neutrophil alloantigens and with biologically active mediators in stored cellular blood components. Most of the donors implicated in cases of TRALI are multiparous women. Rarely diagnosed, TRALI can be confused with other causes of acute

  17. Leucemia linfoblástica aguda (LLA durante a gravidez: um relato de caso

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marcelo Gil Cliquet

    2015-10-01

    Full Text Available A incidência de Leucemia Linfoblástica Aguda (LLA associada à gestação é pequena, entretanto, devido à gravidade da doença, é fundamental que o obstetra esteja capacitado a orientar a conduta médica. O tratamento deve ser iniciado logo após o diagnóstico para que não haja prejuízo do prognóstico materno. Quando diagnosticada, sabe-se que haverá prejuízos fetais frente à quimioterapia a ser empregada. O dilema ético criado pela concomitância de neoplasias com a gestação é de difícil manejo. Objetivo: relatar o caso de uma gestante no primeiro trimestre com diagnóstico de LLA. Metodologia: as informações foram obtidas por meio de revisão do prontuário e da literatura. Relato: Relatamos o caso de uma gestante, 30 anos, com dores articulares no joelho e hemograma com pancitopenia. O mielograma e a imunofenotipagem foram compatíveis com Leucemia Linfoblástica B comum, quando a paciente estava com 12 semanas de gestação (ultrassom. A paciente foi informada sobre todos os riscos do tratamento quimioterápico para o feto, bem como os riscos maternos em postergar o tratamento. A partir da discussão entre a paciente, seus familiares e equipe médica, ela decidiu por iniciar o tratamento com protocolo BFM 86 modificado, assinando um termo de consentimento. Durante a Indução 2, foi diagnosticado óbito fetal por ultra-sonografia (21 semanas de gestação. A paciente continuou o tratamento com suporte psicológico e no momento encontra-se em remissão completa, iniciando a fase de consolidação do referido protocolo. Conclusão: Pretendemos alertar sobre a difícil decisão feita por uma paciente grávida com a LLA. Tal escolha deve ser feita com o amparo de toda a equipe médica e familiares dos pacientes, além de ser firmada por meio de um termo de consentimento.

  18. Influência da resposta inflamatória de fase aguda nos níveis séricos de retinol e da proteína de ligação do retinol em pacientes com AIDS Influence of acute-phase inflammatory response on serum levels of retinol and retinol binding protein in HIV/AIDS patients

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fábio Fernandes Neves

    2010-02-01

    Full Text Available INTRODUÇÃO: a hiporretinolemia constitui fator prognóstico independente em pacientes com AIDS, e a atividade inflamatória causa redução dos níveis séricos deste nutriente na população em geral. Entretanto, faltam estudos que avaliem o impacto da atividade inflamatória sobre o nível sérico do retinol em pacientes com AIDS. MÉTODOS: foram avaliados transversalmente 41 pacientes internados por complicações da AIDS, que tiveram quantificados alguns marcadores de inflamação (proteína C reativa e fator de necrose tumoral alfa e concentrações séricas de retinol e da proteína de ligação do retinol. RESULTADOS: apesar da baixa (14,6% prevalência de hiporretinolemia evidenciou-se correlação negativa dos marcadores de inflamação com os níveis séricos de retinol e de sua proteína de ligação nos pacientes com AIDS. CONCLUSÕES: a atividade inflamatória de fase aguda está associada a baixos níveis séricos de retinol em indivíduos com AIDS.INTRODUCTION: Hyporetinolemia is an independent prognostic factor in AIDS patients. Inflammatory activity causes a reduction in the serum levels of this nutrient in the general population. However, there are no studies assessing the impact of inflammatory activity on the serum retinol level in AIDS patients. METHODS: A cross-sectional assessment was conducted on 41 patients hospitalized due to AIDS complications. Inflammatory markers (C-reactive protein and tumor necrosis factor-alpha and serum retinol and retinol binding protein concentrations were quantified. RESULTS: Despite the low (14.6% prevalence of hyporetinolemia, a significant negative correlation was observed between the inflammatory markers and the serum retinol and retinol binding protein levels in AIDS patients. CONCLUSIONS: Acute-phase inflammatory activity is associated with low serum retinol levels in individuals with AIDS.

  19. Tratamiento endovascular de urgencia con endoprótesis de aneurisma roto disecado de aorta torácica: A propósito de un caso Emergency endovascular treatment with endoprosthesis of ruptured dissected aneurysm of thoracic aorta: Report of one case

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    José Lugo

    2007-12-01

    Full Text Available Los aneurismas de aorta torácica son menos comunes que los aneurismas de aorta abdominal y pueden encontrarse en aorta ascendente, arco aórtico, aorta descendente o en una combinación de estos segmentos. De estos aneurismas el 30% al 40% se originan en la aorta torácica descendente. En los aneurismas de aorta torácica existe una debilidad estructural de la pared de la aorta, que conlleva una dilatación arterial progresiva con eventual ruptura o disección. Aproximadamente, 50% de los aneurismas de aorta torácica son ateroscleróticos y ocurren como resultado de remodelado arterial y dilatación o a raíz de un metabolismo anormal del colágeno. La mayoría de los aneurismas de aorta torácica se descubren por casualidad durante la evaluación de otros problemas médicos. La meta del tratamiento de los aneurismas de aorta torácica, es prevenir la muerte debido a su ruptura. El riesgo de ruptura de los no tratados oscila entre 46% a 74% y la tasa de mortalidad por su ruptura es extremadamente alta. Los aneurismas de gran tamaño, en especial aquellos mayores de 6 cm, son más susceptibles de rupturas que los aneurismas de menor tamaño. El tratamiento endovascular, inicialmente desarrollado para los aneurismas de aorta abdominal, se introdujo en 1992 como una alternativa menos invasiva al tratamiento de cirugía abierta para los aneurismas de la aorta torácica descendente. En la actualidad, el injerto de stent endovascular en la aorta descendente o endoprótesis, recibe mayor atención como alternativa al reparo quirúrgico de los aneurismas de aorta torácica.Thoracic aortic aneurysms are less common than abdominal aortic aneurysms and can be found in ascending aorta, aortic arch, descending aorta or in a combination of these segments. 30% to 40% of these aneurysms are originated in thoracic descending aorta. In thoracic aortic aneurysms there exists a structural wall weakness that leads to a progressive arterial dilation with eventual

  20. Cinesioterapia previne ombro doloroso em pacientes hemiplégicos/paréticos na fase sub-aguda do acidente vascular encefálico

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Horn Agnes Irna

    2003-01-01

    Full Text Available CONTEXTO: Ombro doloroso é freqüente em pacientes com hemiplegia/hemiparesia (H/P por acidente vascular encefálico (AVE, dificultando a recuperação neuromotora gerando incapacidade funcional. OBJETIVO: Estudar tratamento fisioterapêutico para a prevenção da dor no ombro com H/P em pacientes com AVE na fase sub-aguda, e analisar desfechos secundários (força muscular do ombro acometido e movimentos funcionais ativos básicos. MÉTODO: Estudaram-se 21 pacientes (12 homens, 9 mulheres; idades 26 a 87 anos com H/P. O tratamento fisioterapêutico consistiu de 30 minutos diários de cinesioterapia, desde as 48 horas após o AVE até a alta hospitalar. Os pacientes foram avaliados antes e após o tratamento em relação à presença ou ausência de dor no ombro H/P, à força dos diversos grupos musculares do ombro e quanto aos movimentos funcionais de transferência e manutenção postural básica. RESULTADOS: Nenhum paciente apresentava dor no ombro H/P na alta (p<0,001. A força muscular aumentou significativamente em relação à elevação, protusão, abdução e flexão do ombro (p<0,001. Houve melhora dos movimentos funcionais: decúbito dorsal para lateral, decúbito lateral para sentado e manter-se sentado (p<0,001. CONCLUSÃO: A cinesioterapia na fase aguda do AVE preveniu a dor no ombro H/P e favoreceu a recuperação motora.

  1. Surgery for pseudoaneurysm of the ascending aorta under moderate hypothermia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Lee Dong-Hyup

    2011-09-01

    Full Text Available Abstract Pseudoaneurysm of the ascending aorta is a rare complication after cardiac surgery. Particularly, pseudoaneurysm due to postoperative infection in the ascending aorta requires surgical treatment with antibiotics. If a large sized pseudoaneurysm is located at the retrosternal space, then there is a very high risk of massive bleeding from rupture during performance of resternotomy. To avoid this risk, we performed femoro-femoral bypass under moderate hypothermia with transient circulatory arrest, and we report here on the successful result of this case.

  2. O etanercepte induz QRS de baixa tensão e disfunção autonômica em camundongos com doença de Chagas experimental

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Héctor Rodríguez-Angulo

    2013-09-01

    Full Text Available FUNDAMENTO: A doença de Chagas é uma doença parasitária tropical causada pelo protozoário flagelado Trypanosoma cruzi. A cardiomiopatia chagásica é caracterizada por distúrbios na regulação autonômica e na condução do potencial de ação nas fases aguda e crônica da infecção. Embora o fator de necrose tumoral alfa (TNF-α tenha sido associadoà cardiomiopatia em modelos experimentais e em pacientes com doença de Chagas, outros relatos sugerem que o TNF-α pode exercer ações antiparasitárias durante a fase aguda da infecção. OBJETIVOS: Este estudo teve como objetivo determinar os efeitos de um blocker TNF-α solúvel, o etanercepte, em parâmetros eletrocardiográficos na fase aguda da infecção experimental com Trypanosoma cruzi. MÉTODOS: Foram feitos eletrocardiogramas em camundongos infectados não tratados e camundongos infectados que foram tratados com etanercepte 7 dias após a infecção. Os parâmetros de variabilidade onda do eletrocardiograma e frequência cardíaca foram determinados utilizando o Chart para Windows. RESULTADOS: O tratamento com etanercepte resultou em uma baixa tensão do complexo QRS e uma redução da variabilidade da frequência cardíaca em comparação com a ausência de tratamento. No entanto, os camundongos tratados apresentaram um atraso na queda da curva de sobrevivência durante a fase aguda. CONCLUSÃO: Os resultados deste estudo sugerem que, embora o tratamento com etanercepte promova a sobrevivência em camundongos infectados com uma linhagem virulenta de T. cruzi, o bloqueio do TNF-α gera um complexo de baixa tensão e disfunção autonômica durante a fase aguda da infecção. Esses resultados indicam que a mortalidade durante a fase aguda pode ser atribuída a uma resposta inflamatória sistêmica, em vez da disfunção cardíaca.

  3. Protective effect of soybeans as protein source in the diet against cadmium-aorta redox and morphological alteration

    International Nuclear Information System (INIS)

    Pérez Díaz, Matías F.F.; Acosta, Mariano; Mohamed, Fabián H.; Ferramola, Mariana L.; Oliveros, Liliana B.; Gimenez, María S.

    2013-01-01

    We investigated the effects of cadmium exposition on thoracic aorta redox status and morphology, and the putative protective effect of soybeans in the diet. Male Wistar rats were separated into 6 groups: 3 fed with a diet containing casein and 3 containing soybeans, as protein source. Within each protein group, one was given tap water (control) and the other two tap water containing 15 and 100 ppm of Cd 2+ , respectively, for two months. In rats fed with casein diet, 15 ppm of Cd induced an increase of thiobarbituric acid-reactive substances (TBARS), and of the catalase (CAT) and glutathione peroxidase (GPx) activities, which were even higher with 100 ppm of Cd 2+ , in aorta. Also, 100 ppm Cd 2+ exposure increased superoxide dismutase (CuZnSOD) activity; CAT, GPX, SOD, Nrf2 and metallothioneine II mRNA expressions and CAT, GPx and NOX-2 protein levels, compared with control. Aorta endothelial and cytoplasmic alterations were observed. However, with the soybeans diet, 15 and 100 ppm of Cd 2+ did not modify TBARS levels; CAT, GPX and Nrf2 mRNA expressions; CAT, GPx and NOX-2 protein; and the aorta morphology, compared with control. The soybean diet attenuates the redox changes and protects against morphological alterations induced, in a dose-dependent way, by Cd in aorta. - Highlights: • Under casein diet, 100 ppm Cd 2+ in drinking water induces oxidative stress in aorta. • Under casein diet, 100 ppm Cd 2+ increases Nrf2, MT II and NOX2 expressions in aorta. • Under casein diet, 100 ppm Cd 2+ induces morphological changes in rat aorta. • The soybean diet attenuates the redox changes induced by Cd in rat aorta. • The soybean diet attenuates morphological alterations induced by Cd in rat aorta

  4. Protective effect of soybeans as protein source in the diet against cadmium-aorta redox and morphological alteration

    Energy Technology Data Exchange (ETDEWEB)

    Pérez Díaz, Matías F.F.; Acosta, Mariano; Mohamed, Fabián H.; Ferramola, Mariana L.; Oliveros, Liliana B.; Gimenez, María S., E-mail: marisofigime44@gmail.com

    2013-11-01

    We investigated the effects of cadmium exposition on thoracic aorta redox status and morphology, and the putative protective effect of soybeans in the diet. Male Wistar rats were separated into 6 groups: 3 fed with a diet containing casein and 3 containing soybeans, as protein source. Within each protein group, one was given tap water (control) and the other two tap water containing 15 and 100 ppm of Cd{sup 2+}, respectively, for two months. In rats fed with casein diet, 15 ppm of Cd induced an increase of thiobarbituric acid-reactive substances (TBARS), and of the catalase (CAT) and glutathione peroxidase (GPx) activities, which were even higher with 100 ppm of Cd{sup 2+}, in aorta. Also, 100 ppm Cd{sup 2+} exposure increased superoxide dismutase (CuZnSOD) activity; CAT, GPX, SOD, Nrf2 and metallothioneine II mRNA expressions and CAT, GPx and NOX-2 protein levels, compared with control. Aorta endothelial and cytoplasmic alterations were observed. However, with the soybeans diet, 15 and 100 ppm of Cd{sup 2+} did not modify TBARS levels; CAT, GPX and Nrf2 mRNA expressions; CAT, GPx and NOX-2 protein; and the aorta morphology, compared with control. The soybean diet attenuates the redox changes and protects against morphological alterations induced, in a dose-dependent way, by Cd in aorta. - Highlights: • Under casein diet, 100 ppm Cd{sup 2+} in drinking water induces oxidative stress in aorta. • Under casein diet, 100 ppm Cd{sup 2+} increases Nrf2, MT II and NOX2 expressions in aorta. • Under casein diet, 100 ppm Cd{sup 2+} induces morphological changes in rat aorta. • The soybean diet attenuates the redox changes induced by Cd in rat aorta. • The soybean diet attenuates morphological alterations induced by Cd in rat aorta.

  5. MR imaging of the toracic aorta

    International Nuclear Information System (INIS)

    Garbagnati, F.; Castoldi, M.C.; Bianchini, E.

    1988-01-01

    Various pathological conditions of the thoracic aorta were studied by MR Imaging in 31 patients: 23 were aneurysms (branching and non-branching), 2 artero-venous fistulae, 2 aortic prostheses, 2 Marfan's syndromes, 1 coronary sinus aneurysm, and 1 isthmic stenosis. MRI studies were always performed on patients who had been examined by other imaging procedures. A comparative study was carried out on the results of MRI, angiography, computerized tomography, and ultrasounds. The possibility of propedeutic protocol was explored. Our experience, in accordance with the literature on the subject, indicates MRI as the procedure of choice in the study of aneurysms of the toracic aorta. The advantages offered by MRI-the high natural contrast between circulating blood and the supporting structures, the possibility of obtaining multiplanar images as well as data on intraluminal, parietal, and extraparietal conditions-make it a highly competitive procedure if compared to either CT or angiography. While awaiting further evidence, the use of a propedeutic protocol in non-aneurysmatic diseases is still not advisable, due to insufficient patient population, and to the lack of a consistent literature on the subject

  6. Acidosis láctica severa y leucemia aguda

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    David Loja

    2004-03-01

    Full Text Available Reportamos el caso de una paciente de 27 años de edad con leucemia linfoblástica aguda, quien presentó acidosis láctica severa como complicación metabólica. Ella acudió con desnutrición severa, anemia marcada y síndrome consuntivo. No había compromiso del sistema reticuloendotelial y un mielograma inicial fue normal. Estos factores retardaron el diagnóstico y obligaron a ampliar el diagnóstico diferencial. La sospecha de neoplasia hematológica asociada a acidosis láctica sin causa aparente permitió reevaluar el caso con un nuevo mielograma y establecer el diagnóstico.

  7. Upper gastrointestinal bleeding, aneurismatic dilatation of the thoracic aorta and filling defect on the esophagogram

    Energy Technology Data Exchange (ETDEWEB)

    Naschitz, J.E.; Bassan, H.; Lazarov, N.; Grishkan, A.

    1982-06-01

    A patient is described with an aneurysm of the thoracic aorta, which has ruptured into the esophagus. An esophageal X-ray contrast study has revealed a filling defect at the contact site of the esophagus and the aortic aneurysm. The filling defect was due to a clot protruding from the aorta into the esophagus. This unique case calls attention to a diagnostic triad: upper gastrointestinal bleeding, aneurysm of the thoracic aorta, and filling defect in the esophagus at its site of contact with the enlarged aorta. This triad suggested aortoesophageal fistula (AEF) in the patient and could help in the diagnosis of atypical cases of AEF, where thoracic aortography has not been performed initially.

  8. Upper gastrointestinal bleeding, aneurismatic dilatation of the thoracic aorta and filling defect on the esophagogram

    International Nuclear Information System (INIS)

    Naschitz, J.E.; Bassan, H.; Lazarov, N.; Grishkan, A.; Haifa Univ.; Haifa Univ.

    1982-01-01

    A patient is described with an aneurysm of the thoracic aorta, which has ruptured into the esophagus. An esophageal X-ray contrast study has revealed a filling defect at the contact site of the esophagus and the aortic aneurysm. The filling defect was due to a clot protruding from the aorta into the esophagus. This unique case calls attention to a diagnostic triad: upper gastrointestinal bleeding, aneurysm of the thoracic aorta, and filling defect in the esophagus at its site of contact with the enlarged aorta. This triad suggested aortoesophageal fistula (AEF) in the patient and could help in the diagnosis of atypical cases of AEF, where thoracic aortography has not been performed initially. (orig.) [de

  9. Diarréia aguda em crianças menores de um ano: subsídios para o delineamento do cuidar Diarrea aguda en niños menores de un año: subsidios para el delineamiento del cuidado Acute diarrhea in lesser Children of one year: subsidies for the delineation of taking care

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ivonete Vieira Pereira

    2008-06-01

    Full Text Available Estudo quantitativo observacional descritivo, teve como fonte de dados o inquérito epidemiológico, para determinar as razões da elevada prevalência de doenças diarréicas agudas em menores de um ano em Ananindeua, Pará. A amostra foi constituída pelas famílias cadastradas no Programa Saúde da Família. Constatou-se que os fatores sócio-econômico-culturais influenciaram na ocorrência de diarréia, pois quanto menores a idade da mãe e a escolaridade maior a prevalência da doença. Esta população vive em área de ocupação, sem saneamento básico, com lixo e dejetos a céu aberto, estando abaixo da linha de pobreza. Quanto ao desmame precoce, observou-se introdução de água e chás nos primeiros 15 dias e de leite artificial no primeiro mês, havendo resistência para utilizar soro oral. Realizavam tratamento caseiro. Conclui-se que, além da reversão dos fatores estruturais, é necessário incluir questões culturais, educativas para uma política pública de cuidar.El estudio es cuantitativo del tipo observacional descriptivo tuvo como fuente de datos la pesquisa epidemiológica, para determinar las razones del elevado predominio de enfermedades diarreicas agudas en menores de un año en Ananindeua, Pará. La muestra fue constituida por las familias registradas en el Programa Salud de la Familia. Los factores socioeconómicos y culturales determinaron la presencia de diarrea, ya que cuanto menor la edad de la madre y la escolaridad mayor fue el predominio de diarrea. Esta población vive en área de ocupación, sin saneamiento básico, con basura y desechos al aire libre, estando abajo de la línea de pobreza. En cuanto a la precoz suspensión de amamantar, se observa la introducción de agua, en los primeros 15 días y leche artificial en el primer mes, teniendo resistencia para utilizar el suero oral y tratamientos llevados por los vigilantes. Se concluye que además de reversión de los factores estructurales, es necesario

  10. Gadolinium-enhanced MR angiography of the thoracoabdominal aorta diseases

    International Nuclear Information System (INIS)

    D'Ippolito, Giuseppe; Wolosker, Nelson; Galvao Filho, Mario; Kalil, Jorge A.; Wolosker, Angela; Borri, Maria Lucia

    1998-01-01

    Gadolinium-enhanced MR angiography (GEMRA) of the thoracoabdominal aorta is a noninvasive technique that can rapidly delineate the branch vessels diseases, without flow or respiration artifacts, obtained with non contrast MRA. The objective of this paper is to show the main clinical applications of GEMRA, compared to non contrast sequences. We have evaluated 30 patients with thorocoabdominal aorta diseases. These patients have been examined with GEMRA (3D, FFE sequences) obtained after 30 mlIV contrast injection and non contrast MRA (2D-TOF sequences). In our experience, gadolinium-enhanced MRA is a high resolution and speedy technique with advantages over non contrast MRA. (author)

  11. Abordagem da hipertrigliceridemia severa na gravidez: a propósito de um caso clínico

    OpenAIRE

    Giestas, A.; Palma, I.; Teixeira, S.; Carvalho, R.; Pichel, F.; Ramos, M. H.

    2008-01-01

    RESUMO Durante a gravidez o metabolismo lipídico é afectado pelas hormonas placentárias de modo a assegurar um adequado aporte nutricional para o feto, constatando-se um aumento fisiológico dos níveis de triglicerídeos (TG), em particular no terceiro trimestre. Se o aumento do valor dos triglicerídeos for superior ao esperado na gravidez a paciente deve ser cuidadosamente monitorizada. A principal complicação da hipertrigliceridemia severa é a pancreatite aguda que está associa...

  12. Over length quantification of the multiaxial mechanical properties of the ascending, descending and abdominal aorta using Digital Image Correlation.

    Science.gov (United States)

    Peña, Juan A; Corral, Victoria; Martínez, Miguel A; Peña, Estefanía

    2018-01-01

    In this paper, we hypothesize that the biaxial mechanical properties of the aorta may be dependent on arterial location. To demonstrate any possible position-related difference, our study analyzed and compared the biaxial mechanical properties of the ascending thoracic aorta, descending thoracic aorta and infrarenal abdominal aorta stemming from the same porcine subjects, and reported values of constitutive parameters for well-known strain energy functions, showing how these mechanical properties are affected by location along the aorta. When comparing ascending thoracic aorta, descending thoracic aorta and infrarenal abdominal aorta, abdominal tissues were found to be stiffer and highly anisotropic. We found that the aorta changed from a more isotropic to a more anisotropic tissue and became progressively less compliant and stiffer with the distance to the heart. We observed substantial differences in the anisotropy parameter between aortic samples where abdominal samples were more anisotropic and nonlinear than the thoracic samples. The phenomenological model was not able to capture the passive biaxial properties of each specific porcine aorta over a wide range of biaxial deformations, showing the best prediction root mean square error ε=0.2621 for ascending thoracic samples and, especially, the worst for the infrarenal abdominal samples ε=0.3780. The micro-structured model with Bingham orientation density function was able to better predict biaxial deformations (ε=0.1372 for ascending thoracic aorta samples). The root mean square error of the micro-structural model and the micro-structured model with von Mises orientation density function were similar for all positions. Copyright © 2017 Elsevier Ltd. All rights reserved.

  13. Cadaveric aorta implantation for aortic graft infection.

    Science.gov (United States)

    Ali, Asad; Bahia, Sandeep S S; Ali, Tahir

    2016-01-01

    This case report describes a 73-year-old gentleman who underwent explantation of an infected prosthetic aorto-iliac graft and replacement with a cryopreserved thoracic and aorto-iliac allograft. The patient has been followed up a for more than a year after surgery and remains well. After elective tube graft repair of his abdominal aortic aneurysm (AAA) in 2003, he presented to our unit in 2012 in cardiac arrest as a result of a rupture of the distal graft suture line due to infection. After resuscitation he underwent aorto-bifemoral grafting using a cuff of the original aortic graft proximally. Distally the new graft was anastomosed to his common femoral arteries, with gentamicin beads left in situ. Post discharge the patient was kept under close surveillance with serial investigations including nuclear scanning, however it became apparent that his new graft was infected and that he would require aortic graft replacement, an operation with a mortality of at least 50%. The patient underwent the operation and findings confirmed a synthetic graft infection. This tube graft was explanted and a cryopreserved aorta was used to the refashion the abdominal aorta and its bifurcation. The operation required a return to theatre day one post operatively for a bleeding side branch, which was repaired. The patient went on to make a full recovery stepping down from the intensive therapy unit day 6 post operatively and went on to be discharged 32 days after his cryopreserved aorta implantation. Copyright © 2016 The Author(s). Published by Elsevier Ltd.. All rights reserved.

  14. Amigdalitis aguda recurrente bacteriana: Estudio prospectivo, comparativo y controlado de sus características clínicas y microbiológicas

    OpenAIRE

    Der M,Carolina; Iñiguez C,Rodrigo; Guzman D,Ana Maria; Jofré P,David; Iñiguez C,Armando; Labarca L,Jaime

    2007-01-01

    Introducción: La amigdalitis aguda recurrente es una patología de frecuente consulta, es una de las indicaciones de amigdalectomía. No se sabe con exactitud el origen de esta patología. Objetivo: Identificar la microbiología y patrones de susceptibilidad de las bacterias en la amigdalitis aguda recurrente bacteriana (AARB) a los antimicrobianos más comúnmente en el medio nacional, usados en su tratamiento. Material y método: Se planificó un estudio prospectivo, controlado y ciego. Se evaluaro...

  15. Glomerulonefritis aguda post-infecciosa asociada a neumonía neumocócica Acute post infectious glomerulonephritis associated to pneumococcal pneumonia

    OpenAIRE

    S. Fernández de Miguel; E. de Goicoechea Manzanares; M. Gaboli; J.M. Sánchez Granados; V. Murga Herrera

    2009-01-01

    Presentamos un niño de 6 años con insuficiencia renal aguda secundaria a glomerulonefritis asociada a neumonía neumocócica. El paciente presentó en primer lugar un síndrome nefrítico con hematuria, proteinuria, oliguria, edemas y deterioro de la función renal, siendo diagnosticado a continuación de neumonía con derrame pleural. La función renal se normalizó tras 72 horas, persistiendo una hipertensión arterial que precisó tratamiento en la fase aguda. El cuadro se resolvió sin secue...

  16. Ovariectomy increases the participation of hyperpolarizing mechanisms in the relaxation of rat aorta.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ana Sagredo

    Full Text Available This study examines the downstream NO release pathway and the contribution of different vasodilator mediators in the acetylcholine-induced response in rat aorta 5-months after the loss of ovarian function. Aortic segments from ovariectomized and control female Sprague-Dawley rats were used to measure: the levels of superoxide anion, the superoxide dismutases (SODs activity, the cGMP formation, the cGMP-dependent protein kinase (PKG activity and the involvement of NO, cGMP, hydrogen peroxide and hyperpolarizing mechanisms in the ACh-induced relaxation. The results showed that ovariectomy did not alter ACh-induced relaxation; incubation with L-NAME, a NO synthase inhibitor, decreased the ACh-induced response to a lesser extent in aorta from ovariectomized than from control rats, while ODQ, a guanylate cyclase inhibitor, decreased that response to a similar extent; the blockade of hyperpolarizing mechanisms, by precontracting arteries with KCl, decreased the ACh-induced response to a greater extent in aortas from ovariectomized than those from control rats; catalase, that decomposes hydrogen peroxide, decreased the ACh-induced response only in aorta from ovariectomized rats. In addition, ovariectomy increased superoxide anion levels and SODs activity, decreased cGMP formation and increased PKG activity. Despite the increased superoxide anion and decreased cGMP in aorta from ovariectomized rats, ACh-induced relaxation is maintained by the existence of hyperpolarizing mechanisms in which hydrogen peroxide participates. The greater contribution of hydrogen peroxide in ACh-induced relaxation is due to increased SOD activity, in an attempt to compensate for increased superoxide anion formation. Increased PKG activity could represent a redundant mechanism to ensure vasodilator function in the aorta of ovariectomized rats.

  17. Identificação e susceptibilidade antimicrobiana de microrganismos obtidos de otite externa aguda Identification and antimicrobial susceptibility of acute external otitis microorganisms

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Janaina Cândida Rodrigues Nogueira

    2008-08-01

    Full Text Available Otite externa aguda é a infecção do conduto auditivo externo, geralmente causada por flora polimicrobiana. OBJETIVO: Isolar, identificar e determinar a susceptibilidade antimicrobiana dos organismos causadores da otite externa (OE. MÉTODO: 27 swabs foram obtidos de 27 orelhas de pacientes portadores de OE para cultura e 22 microrganismos foram isolados para avaliação de susceptibilidade. A susceptibilidade in vitro foi obtida através do método de ágar difusão em disco e os resultados, interpretados de acordo com critérios clínico-laboratoriais padrão. RESULTADOS: 10 culturas positivas para S. aureus, 8 culturas para P.aeruginosa, 5 para P.aeruginosa e S.aureus e 4 para fungos (Candida albicans e C. krusei. Gentamicina e as quinolonas foram ativas contra todas as cepas testadas, havendo resistência significativa contra amoxicilina/clavulanato. As espécies de Candida testadas foram sensíveis à Anfotericina B, nistatina, fluconazol e clotrimazol e resistentes à miconazol. CONCLUSÃO: A otite externa aguda é uma infecção polimicrobiana, e o conhecimento apropriado da etiologia e susceptibilidade dos microrganismos irá contribuir para o uso racional de antibióticos e o sucesso do tratamento.Acute external otitis is a polymicrobial infectious disease. AIM: The purpose of this study was to isolate, identify and determine the Antimicrobial susceptibility of organisms causing otitis externa (OE. METHODS: twenty-seven swabs were taken from the ears of 27 patients with OE for culture and 22 microorganisms were isolate to evaluate sensitivity. In vitro susceptibility tests were performed by agar diffusion disk and results were interpreted according to Clinical Laboratory Standards. RESULTS: 10 Ear cultures were positive for S. aureus , 8 for P. aeruginosa, 5 for P. aeruginosa and S. aureus and 4 for fungal organisms (Candida albicans e C. Krusei. Gentamicin and quinolones were active against all bacteria tested and significant

  18. Estimation of prenatal aorta intima-media thickness from ultrasound examination

    Science.gov (United States)

    Veronese, E.; Tarroni, G.; Visentin, S.; Cosmi, E.; Linguraru, M. G.; Grisan, E.

    2014-10-01

    Prenatal events such as intrauterine growth restriction and increased cardiovascular risk in later life have been shown to be associated with an increased intima-media thickness (aIMT) of the abdominal aorta in the fetus. In order to assess and manage atherosclerosis and cardiovascular disease risk in adults and children, in recent years the measurement of abdominal and carotid artery thickness has gained a growing appeal. Nevertheless, no computer aided method has been proposed for the analysis of prenatal vessels from ultrasound data, yet. To date, these measurements are being performed manually on ultrasound fetal images by skilled practitioners. The aim of the presented study is to introduce an automatic algorithm that identifies abdominal aorta and estimates its diameter and aIMT from routine third trimester ultrasonographic fetal data. The algorithm locates the aorta, then segments it and, by modeling the arterial wall longitudinal sections by means of a gaussian mixture, derives a set of measures of the aorta diameter (aDiam) and of the intima-media thickness (aIMT). After estimating the cardiac cycle, the mean diameter and the aIMT at the end-diastole phase are computed. Considering the aIMT value for each subject, the correlation between automatic and manual end-diastolic aIMT measurements is 0.91 in a range of values 0.44-1.10 mm, corresponding to both normal and pathological conditions. The automatic system yields a mean relative error of 19%, that is similar to the intra-observer variability (14%) and much lower that the inter-observer variability (42%). The correlation between manual and automatic measurements and the small error confirm the ability of the proposed system to reliably estimate aIMT values in prenatal ultrasound sequences, reducing measurement variability and suggesting that it can be used for an automatic assessment of aIMT. Preliminary results have been presented in E Veronese, E Cosmi, S Visentin, E Grisan: 'Semiautomatic estimation

  19. Impacto do uso da prova rápida para estreptococo beta-hemolítico do grupo A no diagnóstico e tratamento da faringotonsilite aguda em pronto-socorro de Pediatria Impacto del uso de la prueba rápida para estreptococos beta-hemolíticos del grupo A en el diagnóstico y tratamiento de la faringotonsilitis en emergencia de Pediatría Impact of the rapid antigen detection test in diagnosis and treatment of acute pharyngotonsillitis in a Pediatric emergency room

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Débora Morais Cardoso

    2013-03-01

    Full Text Available OBJETIVO: Avaliar o impacto da realização rotineira da prova rápida para pesquisa de estreptococo do grupo A no diagnóstico e tratamento da faringotonsilite aguda em crianças. MÉTODOS: Estudo prospectivo e observacional que contou com a utilização de protocolo de pesquisa estabelecido na Unidade de Emergência do Hospital Universitário da Universidade de São Paulo para o atendimento de crianças e adolescentes com faringotonsilite aguda. RESULTADOS: Com base na avaliação clínica, dos 650 pacientes estudados, antimicrobianos seriam prescritos para 389 indivíduos (59,8% e, com o uso da pesquisa de estreptococo do grupo A, foram prescritos em 286 pacientes (44,0%. Das 261 crianças que não receberiam antibiótico pelo quadro clínico, 111 (42,5% tiveram pesquisa de estreptococo do grupo A positiva. O diagnóstico baseado no quadro clínico apresentou sensibilidade de 61,1%, especificidade de 47,7%, valor preditivo positivo de 44,9% e valor preditivo negativo de 57,5%. CONCLUSÕES: O diagnóstico clínico da faringotonsilite estreptocócica mostrou baixa sensibilidade e especificidade. O uso rotineiro da prova rápida para pesquisa de estreptococo permitiu a redução do uso de antibióticos e a identificação de um grupo de risco para as complicações da infecção estreptocócica, pois 42,5% dos pacientes com prova rápida positiva não receberiam antibióticos, se levado em consideração apenas o diagnóstico clínico.OBJETIVO: Evaluar el impacto de la realización de rutina de la prueba rápida para investigación de estreptococos del grupo A en el diagnóstico y tratamiento de la faringotonsilitis aguda en niños. MÉTODOS: Estudio prospectivo y observacional que contó con el uso de protocolo de investigación establecido en la Unidad de Emergencia del Hospital Universitario de la USP para la atención a niños y adolescentes con faringotonsilitis aguda. RESULTADOS: Con base en la evaluación crítica, de los 650 pacientes

  20. Crisis aguda de Asma Bronquial. Diagnóstico y tratamiento estandarizado

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Anelia de la Caridad Rojas-Pérez

    2013-01-01

    Full Text Available Se realizó un estudio prospectivo de intervención en 150 pacientes con diagnóstico de Asma Bronquial que acudieron con crisis aguda al Servicio de Urgencias del Hospital Pediátrico de Holguín, de Enero del 2009 hasta Diciembre del 2010; para evaluar la evolución de los mismos después de la aplicación de Guías de Buenas Prácticas. Se aplicó tratamiento a los pacientes según lo establecido, observando su respuesta. Predominó el grupo de 4 a 8 años del sexo masculino, el 52 % de los pacientes presentaron crisis ligeras, buena respuesta al uso de broncodilatadores en aerosol, se aplicó la Prednisona por vía oral en la mayoría de los casos que lo requirieron, el 68,7 % realizó tratamiento domiciliario con respuestas controladas y solo en el 31,3 % se decidió ingreso hospitalario lo que permitió arribar a la siguiente conclusión: Con la aplicación de Guías de Buenas Prácticas Clínicas par a el manejo de la exacerbación aguda del Asma Bronquial se logró una clasificación adecuada de la severidad de la misma, buena respuesta a los tratamientos utilizados y disminución de los ingresos hospitalarios.

  1. Nutrición parenteral total en una paciente gestante con pancreatitis aguda e hipertrigliceridemia por déficit de lipoproteín lipasa

    OpenAIRE

    Contreras-Bolívar, Victoria; González-Molero, Inmaculada; Valdivieso, Pedro; Olveira, Gabriel

    2015-01-01

    Presentamos un caso de pancreatitis aguda severa inducida por hipertrigliceridemia secundaria a déficit de lipoproteín lipasa (LPL) en una paciente gestante con diabetes gestacional, manejada inicialmente con dieta, siendo necesario posteriormente llevar a cabo medidas de soporte nutricional artificial: nutrición parenteral total. El déficit de LPL causa hipertrigliceridemia severa y, frecuentemente, pancreatitis aguda de repetición, situación de difícil manejo y de importante gravedad durant...

  2. Effect of camelina oil on the structure of aortas in rats

    DEFF Research Database (Denmark)

    Pawlowska, Marta; Harrison, Adrian Paul; Piersiak, Tomasz

    2016-01-01

    The aim of the present study was to determine whether a disturbance of hormonal homeostasis caused by ovariectomy influences the elasticity and wall structure of the abdominal aorta and whether camelina oil administration has an effect on the properties of the abdominal aorta in rats after...... ovariectomy. Forty Wistar female rats (220-240 g) were used in the experiment: 10 animals underwent a sham ovary repositioning operation (SHO), and 30 were ovariectomized (OVX). After 7 days of convalescence, the SHO rats and OVX1 rats were given physiological saline intragastrically for 6 weeks, while......), and images were obtained by light and confocal microscopy. Ovariectomy caused a significant decrease in the elasticity of the aorta, as well as in the volume of collagen III and elastin in the tunica intima and media, but no changes in the volume of collagen I, the total wall thickness or the thickness...

  3. Acute pulmonary injury induced by experimental muscle trauma Lesão pulmonar aguda induzida por trauma muscular experimental

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Márcia Andréa da Silva Carvalho Sombra

    2011-01-01

    Full Text Available PURPOSE: To develop an easily reproducible model of acute lung injury due to experimental muscle trauma in healthy rats. METHODS: Eighteen adult Wistar rats were randomized in 3 groups (n=6: G-1- control, G-2 - saline+trauma and G-3 - dexamethasone+trauma. Groups G-1 and G-2 were treated with saline 2,0ml i.p; G-3 rats were treated with dexamethasone (DE (2 mg/kg body weight i.p.. Saline and DE were applied 2h before trauma and 12h later. Trauma was induced in G-2 and G-3 anesthetized (tribromoethanol 97% 100 ml/kg i.p. rats by sharp section of anterior thigh muscles just above the knee, preserving major vessels and nerves. Tissue samples (lung were collected for myeloperoxidase (MPO assay and histopathological evaluation. RESULTS: Twenty-four hours after muscle injury there was a significant increase in lung neutrophil infiltration, myeloperoxidase activity and edema, all reversed by dexamethasone in G-3. CONCLUSION: Trauma by severance of thigh muscles in healthy rats is a simple and efficient model to induce distant lung lesions.OBJETIVO: Desenvolver um modelo facilmente reprodutível de lesão pulmonar aguda decorrente de trauma muscular experimental em ratos sadios. MÉTODOS: Dezoito ratos Wistar adultos foram randomizados em 3 grupos (n=6: G-1-controle, G-2 - trauma+salina e G-3 - trauma+dexametasona. Grupos G-1 e G-2 foram tratados com salina 2,0 ml ip, G-3 ratos foram tratados com dexametasona (DE (2 mg/kg peso corporal ip. Salina e DE foram aplicadas 2h antes e 12h depois do trauma. Trauma foi induzido em ratos G-2 e G-3 anestesiados (tribromoetanol 97% de 100 ml/kg, i.p. por secção da musculatura anterior da coxa logo acima da articulação do joelho, preservando os grandes vasos e nervos. Amostras de tecido (pulmão foram coletadas para avaliação da mieloperoxidase (MPO, e exames histopatológicos. RESULTADOS: Vinte e quatro horas após a indução da lesão muscular houve um aumento significativo na infiltração de neutr

  4. Aféresis en el tratamiento de pancreatitis aguda hipertrigliceridémica: Reporte de caso y revisión de la literatura

    OpenAIRE

    Zaragoza, José J.; Villa, Gianluca; Borbolla-Arizti, Juan Pablo; Salgado-Hernández, Turmalina; Cerón-Díaz, Ulises

    2015-01-01

    La hipertrigliceridemia severa está asociada con varias patologías incluyendo pancreatitis aguda. Las opciones de tratamiento para la pancreatitis aguda hipertrigliceridémica incluyen insulina, glucosa y heparina en infusión, así como muchos tipos de aféresis. Los pacientes se pueden beneficiar del uso temprano de recambio plasmático para reducir los niveles de lípidos en sangre. El tiempo de inicio y el tipo de terapia juegan un papel importante para conseguir los beneficios completos del pr...

  5. O transplante de medula óssea na leucemia mielóide aguda: análise de 80 pacientes transplantados no complexo do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo

    OpenAIRE

    Bueno,Nadjanara D.; Saboya,Rosaura; Martins,Maria Cristina; Silva,Roberto L.; Chamone,Dalton A. F.; Rocha,Isamara F.; Sturaro,Daniel; Dulley,Frederico L.

    2004-01-01

    Oitenta pacientes consecutivos portadores de Leucemia Mielóide Aguda (LMA) submetidos a transplante de medula óssea alogênico (TMO alo) e autogênico (TMO auto), foram selecionados entre 1989 e 2001. Quarenta por cento dos mesmos estavam vivos ao final do estudo; no TMO alo 37,9% e no TMO auto 45,4%. Fatores como sexo, classificação Franco-Americano-Britânica de LMA, tratamento de indução, número de células infundidas e regime de condicionamentos não tiveram significância estatística na sobrev...

  6. Primeras experiencias con drenaje biliar percutáneo de urgencia en la colangitis aguda

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    José Luis González González

    Full Text Available Introducción: la obstrucción biliar es motivo frecuente de morbilidad en los pacientes con metástasis hepáticas, adenopatías periportales y cáncer hepatobiliopancreático. La colangitis aguda es la complicación más temida, debido a su mortalidad. En este trabajo se presentan los primeros abordajes percutáneos realizados por cirujanos del Hospital Clínicoquirúrgico "Hermanos Ameijeiras" como herramienta para el tratamiento urgente de esta entidad. Objetivo: caracterizar el drenaje percutáneo transparietohepático de urgencia en pacientes con colangitis aguda e ictericia obstructiva. Métodos: se realizó un estudio descriptivo, prospectivo y aplicado con 30 pacientes atendidos de esta forma en dicha institución entre enero de 2008 y diciembre de 2010. Resultados: el diagnóstico etiológico preponderante fue el de tumor maligno de la cabeza del páncreas. La localización baja de la lesión duplicó a la localización alta. La mejoría clínica de la ictericia se evidenció en la mayoría de los pacientes después de una semana tras el procedimiento: el drenaje percutáneo constituyó el método definitivo en el 73,3 % de los pacientes. Las edades medias para los distintos diagnósticos etiológicos exhibieron diferencias estadísticamente significativas. No hubo complicaciones ni mortalidad relacionadas con el procedimiento. Conclusiones: el drenaje biliar percutáneo guiado por ultrasonido es una herramienta útil y segura para el tratamiento de urgencia de la colangitis aguda. Es un método que pueden realizar los cirujanos generales con entrenamiento adecuado y específico, y tiene asociadas pocas complicaciones.

  7. Tratamento da síndrome da veia cava superior Treatment of superior vena cava syndrome

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luís Marcelo Inaco Cirino

    2005-12-01

    Full Text Available A veia cava superior é formada pela união das duas veias inominadas, direita e esquerda, e localiza-se no mediastino médio, à direita da artéria aorta e anteriormente à traquéia. A síndrome da veia cava superior representa um conjunto de sinais (dilatação das veias do pescoço, pletora facial, edema de membros superiores, cianose e sintomas (cefaléia, dispnéia, tosse, edema de membro superior, ortopnéia e disfagia decorrentes da obstrução do fluxo sanguíneo através da veia cava superior em direção ao átrio direito. A obstrução pode ser causada por compressão extrínseca, invasão tumoral, trombose ou por dificuldade do retorno venoso ao coração secundária a doenças intra-atriais ou intraluminais. Aproximadamente 73% a 97% dos casos de síndrome da veia cava superior ocorrem durante a evolução de processos malignos intratorácicos. A maioria dos pacientes com a síndrome secundária a neoplasias malignas é tratada sem necessidade de cirurgia, através de radioterapia ou quimioterapia, ou através da colocação de stents endoluminais. Quando a síndrome é de etiologia benigna, o tratamento é feito através de medidas clínicas (anticoagulação, elevação da cabeça, etc. ou, em casos refratários, através de angioplastia, colocação de stents endoluminais e cirurgia.The superior vena cava is formed by the union of the right and left brachiocephalic veins. It is located in the middle mediastinum, to the right of the aorta and anterior to the trachea. Superior vena cava syndrome consists of a group of signs (dilation of the veins in the neck, facial swelling, edema of the upper limbs, and cyanosis and symptoms (headache, dyspnea, cough, orthopnea and dysphagia caused by the obstruction of blood flow through the superior vena cava to the right atrium. This obstruction can be caused by extrinsic compression, tumor invasion or thrombosis. Such obstruction may also occur as a result of insufficient venous return

  8. Intraindividual assessment of the thoracic aorta using contrast and non-contrast-enhanced MR angiography

    International Nuclear Information System (INIS)

    Tengg-Kobligk, Hendrik von; Gruenberg, K.M.; Giesel, F.L.; Ley-Zaporozhan, J.; Ley, S.; Henninger, V.; Kauczor, H.U.; Radiologische Universitaetsklinik Heidelberg; Boeckler, D.; Krummenauer, F.

    2009-01-01

    To avoid intravenous contrast media application, new MRA sequences using inherent blood contrast are available. The clinical use of these non-contrast-enhanced MRA (non-CE-MRA) sequences is still limited for the aorta. Thus, the goal was to compare a standard CE-MRA with a non-CE-MRA for the thoracic aorta. Ethics committee approval and informed consent were obtained. CE-MRA and non-CE-MRA (1.5T) were performed in the same 50 healthy volunteers (mean age: 48). CE-MRA: GRE-Turbo-Flash-3D (1.2 x 1.2 x 1.6 mm 3 ), 0.15 mmol Gd/kg, TA 22 ± 2sec. Non-CE-MRA: Respiratory-and cardiac-gated, T 2-prepared 3D-trueFISP (1.2 x 1.2 x 1.3 mm 3 ), TA 14 ± 5 min. Assessment included (3 readers, consensus): image quality (sharpness of vessel wall, signal homogeneity, artifacts) at the ascending aorta, arch, descending aorta and supra-aortic vessels. The image quality in the ascending aorta was rated 'excellent' in 78 %, 'moderate' in 22 %, 'poor' in 0 % for non-CE-MRA versus 22 %, 50 %, and 28 % for CE-MRA (Cohen's kappa = 29 %, McNemar p < 0.001). In a comparison of non-CE-MRA versus CE-MRA, the aortic arch and descending aorta showed no significant difference (kappa = 58 %/p = 0.250 and kappa = 100 %/p 1.000, respectively). Supra-aortic vessels were rated 'excellent' 45 %/49 %, 'moderate' 30 %/49 % and 'poor' 13 %/2 %, 12 % of supra-aortic vessels were visualized < 1 cm at non-CE-MRA. (orig.)

  9. Sonographic aorta/IVC cross-sectional area index for evaluation of dehydration in children.

    Science.gov (United States)

    Kwon, Hyuksool; Jung, Jae Yun; Lee, Jin Hee; Kwak, Young Ho; Kim, Do Kyun; Jung, Jin Hee; Chang, Ik Wan; Kim, Kyuseok

    2016-09-01

    Current studies have not found sufficient evidence to encourage the use of ultrasound for assessing dehydration in children. We introduce a new sonographic parameter, the "aorta/inferior vena cava (IVC) cross-sectional area index" (Ao/IVCA) measured just inferior to the xiphoid process, for the effective evaluation of dehydration in children. This is a prospective, observational study. We enrolled children who presented to the pediatric emergency department (PED) between May 2014 and January 2015. We measured the maximum diameter of the aorta from inner wall to inner wall, and the long and short axis diameters of IVC using a convex array transducer. Ao/IVCA was calculated and compared with aorta/IVC maximal diameter index (Ao/IVCD) and the clinical dehydration scale (CDS). A total of 34 children were enrolled. We found a statistically significant correlation between Ao/IVCA and CDS (R(2) = 0.30; P dehydration. The diagnostic performance of Ao/IVCA for dehydration might be higher than that of the method that uses the maximum diameter of IVC and the aorta. Copyright © 2016 Elsevier Inc. All rights reserved.

  10. A comparison of reactive oxygen species metabolism in the rat aorta and vena cava: focus on xanthine oxidase.

    Science.gov (United States)

    Szasz, Theodora; Thompson, Janice M; Watts, Stephanie W

    2008-09-01

    Reactive oxygen species (ROS) are important mediators in vascular biology. Venous function, although relevant to cardiovascular disease, is still understudied. We compared aspects of ROS metabolism between a major artery (the aorta) and a major vein (the vena cava, VC) of the rat, with the hypothesis that venous ROS metabolism would be overall increased compared with its arterial counterpart. Superoxide and hydrogen peroxide (H2O2) release in basal conditions was higher in VC compared with aorta. The antioxidant capacity for H2O2 was also higher in VC than in aorta. Exogenous superoxide induced a higher contraction in VC compared with aorta. Protein expression of three major ROS metabolizing enzymes, xanthine oxidase (XO), CuZn-SOD, and catalase, was higher in VC compared with aorta. Because XO seemed a likely source of the higher VC ROS levels, we examined it further and found higher mRNA expression and activity of XO in VC compared with aorta. We also investigated the impact of XO inhibition by allopurinol on aorta and VC functional responses to norepinephrine, ANG II, ET-1, and ACh. Maximal ET-1-mediated contraction was decreased by allopurinol in VC but not in the aorta. Our results suggest that there are overall differences in ROS metabolism between aorta and VC, with the latter operating normally at a higher set point, releasing but also being able to handle, higher ROS levels. We propose XO to be an important source for these differences. The result of this particular comparison may be reflective of a general arteriovenous contrast.

  11. Tratamiento endovascular de las patologías de aorta -Estado del arte-: Parte 1 - Aneurismas de aorta abdominal Endovascular treatment of aortic pathologies -State of the art-: Part 1 - Aneurysms of abdominal aorta

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Carlos E Uribe

    2007-12-01

    Full Text Available En la actualidad, el tratamiento endovascular de las patologías de aorta es una alternativa a la cirugía abierta. Éste ha demostrado ser seguro ya que arroja resultados iguales o superiores que el grupo quirúrgico. En este artículo se presenta el estado actual del tratamiento con endoprótesis de las patologías de aorta, así como las indicaciones, las contraindicaciones y el futuro del tratamiento con este tipo de dispositivos.Endovascular treatment of aortic pathologies is actually an alternative to open surgery. It has proven to be safe, showing similar or better results to those achieved by surgery. In this article, treatment of aortic pathologies by means of endoprosthesis is presented, as well as its indications, contraindications and future treatment with this kind of devices.

  12. Fatores preditivos de coledocolitíase em doentes com pancreatite aguda biliar Predictors of choledocholithiasis in patients sustaining acute biliary pancreatitis

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    José Gustavo Parreira

    2004-12-01

    Full Text Available OBJETIVO: Avaliar o papel da fosfatase alcalina (FA, gama glutamiltransferase (gamaGT e ultra-sonografia (US como fatores preditivos de coledocolitíase em doentes com pancreatite aguda biliar (PAB. MÉTODOS: Os dados foram coletados prospectivamente durante um período de 31 meses. Quarenta doentes foram incluídos, sendo 30 mulheres, com média etária de 49 + 16 anos. Foram registrados os dados de todos os doentes com pancreatite aguda biliar. Aqueles doentes ictéricos e com a forma grave da doença foram excluídos. As dosagens de FA e GGT, assim como a US, eram realizadas na admissão e 48 horas antes da cirurgia. Todos os pacientes foram submetidos à colangiografia intra-operatória (CIO ou à colangiografia retrógrada endoscópica (CPRE pré-operatória, que era definida baseada na probabilidade de coledocolitíase. Com o intuito de identificar os indicadores de coledocolitíase, as variáveis foram comparadas entre os pacientes com ou sem coledocolitíase. Os testes t de Student, Qui-quadrado e Fisher foram empregados para a análise estatística, considerando-se pBACKGROUND: To assess the role of alkaline phosphatase (AP, gamil-glutamyltransferase (gammaGT and abdominal ultrasound (US as predictors of choledocholithiasis in patients sustaining acute biliary pancreatitis. METHODS: Data was prospectively collected during a period of 31 months. Forty patients were included, 30 were female and the mean age was 49 + 16. All patients sustaining acute biliary pancreatitis were enrolled. Patients with clinical jaundice and severe pancreatitis were excluded. Serum content of AP and gGT as well as US were assessed at admission and 48 hours before cholecistectomy. All patients underwent intra-operative cholangiography (IOC or pre-operative endoscopic retrograde cholangiography (ERCP, which was indicated based on the odds of choledocholithiasis. In order to identify the predictors of choledocholithiasis, variables were compared between patients

  13. Características clínico epidemiologicas de los pacientes con Leucemia Aguda del Servicio de Hematologia del Hospital Almanzor Aguinaga Asenjo

    OpenAIRE

    Polo-Capuñay, Ana María; Universidad de San Martín de Porres; León-Seminario, Carlos Alberto; Universidad de San Martín de Porres; Pérez-Villena, Joan Flaubert; Universidad de San Martín de Porres; Yovera-Merino, Jhonny David; Universidad de San Martín de Porres; Barraza-Chavesta, Omar; Universidad de San Martín de Porres; Torres-Anaya, Victor; Universidad de San Martín de Porres; Diaz-Vélez., Cristian; Universidad de San Martín de Porres

    2014-01-01

    OBJETIVOIdentificar las características clínico-epidemiológicas de los pacientes con leucemia en el área de Hematología del H.A.A.A.MATERIAL Y MÉTODOEstudio retrospectivo, transversal y descriptivo. Se revisaron 55 historias clínicas de pacientes con diagnóstico de Leucemia Aguda, tomadas de la oficina de registro del HNAAA, durante el periodo de Enero 2005 a Marzo 2010.RESULTADOSEn el periodo de estudio, se diagnosticaron 142 casos de Leucemia, 105 (73.94%) correspondieron a Leucemia aguda. De...

  14. NECESSIDADES BÁSICAS DAS ESPOSAS DE PACIENTES INFARTADOS, NA FASE AGUDA DO TRATAMENTO

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Edna Ikumi Umebayashi Takahashi

    Full Text Available Trata-se de um estudo exploratório que teve por finalidade identificar as necessidades básicas das esposas de pacientes infartados, na fase aguda do tratamento. Foi utilizado como referencial para análise os conceitos de Necessidades Básicas de Maslow. Os resultados permitiram identificar como principais necessidades afetadas das esposas: segurança, amor e gregária, estima.

  15. Transplante alogênico de células-tronco hematopoéticas em leucemias agudas: a experiência de dez anos do Hospital das Clínicas da UFMG Allogeneic hematopoietic stem cells transplantation in acute leukemia: ten years of experience in the Hospital das Clínicas - UFMG

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rosana M. Lamego

    2010-01-01

    Full Text Available As leucemias agudas são doenças com alta morbimortalidade para as quais o transplante alogênico de medula óssea é uma opção terapêutica eficaz. Neste artigo, relatamos a experiência de um centro brasileiro com pacientes apresentando leucemia aguda que receberam um enxerto de medula óssea ou células-tronco periféricas de um doador familiar HLA idêntico no período de julho de 1995 a dezembro de 2005. Foi realizado um estudo de coorte retrospectivo, analisando dados de 125 pacientes com mediana de idade de 28,7 anos. Oitenta e um pacientes (64,8% apresentavam leucemia mieloide aguda; 38 (30,4%, leucemia linfoide aguda; e seis (4,8%, leucemia bifenotípica. Trinta e dois pacientes encontravam-se em primeira remissão completa, 23 em segunda remissão e 70 com doença avançada (refratários, recidivados ou além da segunda remissão. A sobrevida global estimada em 10 anos foi de 22,9%. Em relação à situação clínica do paciente no momento do transplante, a sobrevida global em dez anos foi de 56,3% para pacientes em primeira remissão, 38% para os pacientes em segunda remissão, e 3,7% para os pacientes com doença avançada. Considerando-se os pacientes transplantados em primeira e segunda remissão, a evolução foi semelhante aos dados disponíveis na literatura. Entretanto, os resultados dos pacientes transplantados em fase avançada foram ruins, devendo-se discutir o papel do transplante para este grupo.Acute leukemias are a group of diseases with high morbimortality. Allogeneic bone marrow transplantation is an efficacious therapeutic option for their treatment. We report the experience of a Brazilian center in respect to acute leukemia patients who received a bone marrow or peripheral blood allograft from a HLA-matched sibling from July 1995 to December 2005. Data were retrospectively collected. The median age of the 125 patients included in the study was 28.7 years. Eighty-one patients presented with acute myeloid leukemia

  16. Acute respiratory infections in children Infecções respiratórias agudas em crianças

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Charles Anthony Hart

    2007-03-01

    Full Text Available Acute respiratory infections (ARI are the leading cause of mortality in children under five years of age worldwide and most of these deaths are due to bronchiolitis and pneumonia. Recent evidence from studies using genome detection systems such as polymerase chain reaction or micro-array technology show that, in most cases, these deaths are caused or precipitated by viruses. In this paper, the definitions of upper and lower respiratory tract infections are reviewed. The principal signs of disease severity and the burden of viruses as causes of ARI are described. The prominent role of Respiratory Syncytial Virus is stressed, with data from epidemiological and clinical studies. Other important viral pathogens, such as Human Metapneumovirus, Human coronaviruses and Influenza are examined. The role of newly described viruses, such as bocavirus, is also discussed. The impact of HIV/AIDS in ARI burden and presentation assessed and the weight of Pneumocystis jiroveci and Mycobacterium tuberculosis infections is recognized. It is concluded that there is an urgent need to improve diagnostics, therapeutics and vaccines, as well as macro and micronutrient intake of children of the world, particularly in developing countries.As infecções respiratórias agudas (IRA são as principais causas da40 mortalidade mundial em crianças menores de cinco anos de idade e a maioria dessas mortes são próprias da bronquiolite e pneumonia. Recentes evidências de estudos usando sistemas de detecção no genoma tais como reação em cadeia da polimerase ou tecnologia de microarrays mostram que, na maioria dos casos, essas mortes são causadas ou precipitadas por vírus. Neste artigo, as definições das infecções dos tratos respiratórios superior e inferior são revisadas. Os principais sinais da gravidade da doença e a carga viral como causas da IRA estão descritas. O papel proeminente do vírus sincicial respiratório é enfatizado, com dados de estudos cl

  17. Evaluation of the normal thoracic and abdominal aorta diameters by computerized tomography

    International Nuclear Information System (INIS)

    Lucarelli, Claudio Luiz

    1995-01-01

    The study was undertaken to evaluate, through computerized tomography, the diameters of the normal thoracic and abdominal aorta, as well as they are connected to gender, age and body surface area; and the ratio between measurements obtained at the ascending and descending limbs of the thoracic aorta, and between the abdominal aortic diameters. For that reason, we measured the widest anteroposterior diameters of the thoracic aortas at the levels of the arch, the root, the pulmonary artery, and the thoracic-abdominal transition, as well as the level of the emergence of the superior mesenteric artery, of the renal hila and just cephalad to the bifurcation of the abdominal aortas of 350 patients without cardiovascular diseases who had undergone computerized tomography of the thorax and/or abdomen for any other reasons. Observation and statistic analyses led us to conclude that: 1) both the thoracic and abdominal aortic diameters are reduced from their proximal to their distal portions; 2) the body surface influences the size of the aorta, although only extreme variations alter the vessel's caliber; 3) vessel diameter was observed to gradually increase with age; 4) men were found to have larger diameters than age matched women; 5) the ratio between the ascending and descending aortic diameters varies according to gender and age; 6) the relations between abdominal aortic diameters measured at the level of renal hila and cephalad to the bifurcation are independent from gender and age. But the relation between those measured at the level of the superior mesenteric artery and cephalad to the bifurcation are linked to gender, but not to age. (author)

  18. Diagnosis of supravalvar stenosis of aorta

    International Nuclear Information System (INIS)

    Shumskij, V.I.; Konstantinova, N.V.; Pokidkin, V.A.

    1989-01-01

    The authors analyzed the potentialities of combined radiodiagnosis of supravalvar stenosis (SS) and concomitant diseases of the heart and major vessels (Williams-Beuren syndrome) in 7 patients aged 7 mos. to 24 yrs. Polypositional chest and heart X-ray procedure, catheterization of the cardiac cavities, pulmonary artery and aorta, left ventriculography (6), right ventriculography (4) and angiopulmonography were used. The diagnostic potentialities of each method were defined

  19. Otite externa difusa aguda: um estudo prospectivo no verão do Rio de Janeiro Acute diffuse external otitis: a prospective study in Rio de Janeiro's summer

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ricardo R. Figueiredo

    2004-04-01

    Full Text Available A Otite Externa Aguda é uma doença extremamente comum em países tropicais, especialmente no verão. Vários fatores predisponentes são identificáveis e o quadro clínico pode ser bastante variado, principalmente com relação à intensidade da otalgia. OBJETIVO: Avaliar, através de um estudo prospectivo no maior hospital de Emergências do Rio de Janeiro, a incidência e as características da otite externa no período de verão. FORMA DE ESTUDO: Estudo clínico com coorte transversal. MATERIAL E MÉTODO: 391 pacientes com otite externa atendidos no Serviço de ORL do Hospital Souza Aguiar foram avaliados em uma série de parâmetros clínicos e de tratamento, incluindo análise de possíveis fatores predisponentes. RESULTADOS: Os principais sintomas referidos foram otalgia, otorréia discreta e plenitude auricular. Os principais fatores predisponentes foram banho de mar e piscina e uso de cotonetes. CONCLUSÃO: A otite externa aguda é uma doença extremamente comum em países tropicais, especialmente no verão. A possível contaminação da água de praias e piscinas, embora descartada por vários autores como fatores predisponentes, pode ter alguma influência na sua patogênese.The acute external otitis is a very common disease in tropical countries, especially in summer. There are many predisposing factors and clinical features may vary, particularly the pain's severity. AIM: Evaluate, with a prospective study in Rio de Janeiro's largest Urgencies Hospital, the incidence and characteristics of the acute external otitis in summer. STUDY DESIGN: Clinical study with transversal cohort. MATERIAL AND METH: 391 patients with acute external otitis in Souza Aguiar Hospital were evaluated in several clinical and treatment parameters, including predisposing factors analysis. RESULTS Pain, moderate ear discharge and sensation of "full ear" were the most common complaints. Sea and pool baths and the use of ear sticks were the most common

  20. Morfometria do coração e dos vasos da base e sua implicação no mergulho em Chelonia mydas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Janine K.F.S. Braz

    2013-12-01

    Full Text Available Objetivou-se caracterizar a morfologia das câmaras cardíacas e das artérias aortas e pulmonares da espécie Chelonia mydas. Foram avaliados 11 espécimes de C. mydas mortas coletadas no litoral do estado do Rio Grande do Norte, Brasil. Os animais foram necropsiados para a obtenção do coração, fragmentos das artérias aorta e pulmonares direita e esquerda. Os vasos adquiridos foram fixados em formol e submetidos ao processamento histológico de rotina e coloração com Técnica de Verhoff modificada. Enquanto, do coração, os parâmetros largura, altura base-ápice e a circunferência ventricular foram mensurados por meio do paquímetro. Nessa espécie a microscopia das artérias pulmonares e artérias aortas variaram de acordo com o antímero. A maior espessura relativa do Cavum Venosum (CV auxilia no bombeamento cardíaco durante o mergulho e sua menor espessura direita é uma vantagem para a dilatação ventricular durante a imersão profunda enquanto que a quantificação das lâminas elásticas e fibras musculares da túnica média das artérias aortas e pulmonares direita e esquerda comprovaram que a túnica média das aortas predomina o componente elástico vs. muscular, entretanto, nas artérias pulmonares o componente elástico não-predomina. Essa angioarquitetura pode estar relacionada com a capacidade de mergulho, favorecendo um maior aproveitamento do sangue oxigenado armazenado previamente durante o período de apneia.

  1. Metabolism of arachidonic acid in 1 yr old New Zealand white (NZW) and watanabe heritable hyperlipidemic (WHHL) rabbit aortas

    International Nuclear Information System (INIS)

    Pfister, S.L.; Schmitz, J.M.; Willerson, J.T.; Campbell, W.B.

    1986-01-01

    This study was designed to characterize the metabolism of arachidonic acid (AA) in normal and atherosclerotic aortas. Segments of aortas were obtained from 1 yr old NZW rabbits, and WHHL rabbits, a genetic model of athero-sclerosis resembling familial hypercholesterolemia. Aortas were incubated at 37 0 C for 15 min with 14 C-AA (5 x 10 -5 M) during stimulation by A23187. The media was extracted using octadecylsilica columns and resolved into metabolites by reverse-phase HPLC. Prostaglandins (PGs) were identified by comigration of 14 C-metabolites with standards. The monoxygenated metabolites of AA (HETEs) were resolved by normal-phase HPLC, and their structures confirmed by GC-MS. In extracts from NZW and WHHL aortas, approximately 14% and 6% of the total radioactivity was converted to PGs and HETEs, respectively. The major PG produced by NZW and WHHL aortas was 6-keto PGF/sub 1α/ with lesser amounts of PGE 2 . Similarly, NZW and WHHL aortas produced primarily 12- and 15-HETE with lesser amounts of 11-, 9-, 8-, and 5-HETE. There were no qualitative differences between NZW and WHHL aortas in PG and HETE production. Therefore, despite extensive atherosclerosis in aortas of WHHL rabbits, the vessels maintain the ability to synthesize PGs and HETEs

  2. Hybrid Approach of Aortic Diseases: Zone 1 Delivery and Volumetric Analysis on the Descending Aorta

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    José Augusto Duncan

    Full Text Available Abstract Introduction: Conventional techniques of surgical correction of arch and descending aortic diseases remains as high-risk procedures. Endovascular treatments of abdominal and descending thoracic aorta have lower surgical risk. Evolution of both techniques - open debranching of the arch and endovascular approach of the descending aorta - may extend a less invasive endovascular treatment for a more extensive disease with necessity of proximal landing zone in the arch. Objective: To evaluate descending thoracic aortic remodeling by means of volumetric analysis after hybrid approach of aortic arch debranching and stenting the descending aorta. Methods: Retrospective review of seven consecutive patients treated between September 2014 and August 2016 for diseases of proximal descending aorta (aneurysms and dissections by hybrid approach to deliver the endograft at zone 1. Computed tomography angiography were analyzed using a specific software to calculate descending thoracic aorta volumes pre- and postoperatively. Results: Follow-up was done in 100% of patients with a median time of 321 days (range, 41-625 days. No deaths or permanent neurological complications were observed. There were no endoleaks or stent migrations. Freedom from reintervention was 100% at 300 days and 66% at 600 days. Median volume reduction was of 45.5 cm3, representing a median volume shrinkage by 9.3%. Conclusion: Hybrid approach of arch and descending thoracic aorta diseases is feasible and leads to a favorable aortic remodeling with significant volume reduction.

  3. Efeitos a curto prazo de "stents" não recobertos e recobertos com politetrafluoroetileno em aorta de suínos: um modelo experimental Short-term effects of polytetrafluoroethylene covered and uncovered metallic "stents" in pig aorta: an experimental model

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marco Aurélio Grüdtner

    2004-04-01

    Full Text Available OBJETIVO: Descrever um estudo experimental avaliando através da morfometria digital o espessamento intimal na parede arterial após o implante de "stents" metálicos auto-expansíveis recobertos ou não com politetrafluoroetileno (PTFE na aorta de suínos. MÉTODOS: Em três grupos de suínos jovens uma bainha introdutora de 12 F foi inserida na aorta abdominal distal. Os animais do grupo I (n=5 foram considerados controle. Os animais do grupo II (n=10 receberam o implante de um stent metálico auto-expansível não recoberto. No grupo III (n=10 um stent auto-expansível recoberto com PTFE foi inserido. Após quatro semanas os animais foram sacrificados e os espécimes arteriais foram retirados, sendo o espessamento intimal quantificado pela análise morfométrica. RESULTADOS: Na comparação entre os grupos I, II e III quanto às áreas da íntima, média e índice intimal, não foi observada variação estatisticamente significativa. Diferenças foram observadas entre os grupos em relação às áreas luminais proximais (p=0,0036 e distais (p=0,044. Através dos testes de comparação múltipla para Kruskal-Wallis foi identificada uma diferença entre os grupos I e II. Entretanto, quando essas variáveis foram controladas pelo fator peso (relação área luminal/peso, a diferença não foi mais observada. CONCLUSÕES: Nesse estudo a curto prazo, o revestimento de PTFE não esteve associado a adicional espessamento intimal além daquele promovido pelo dispositivo metálico em artérias de grande calibre e condições de alto fluxo.PURPOSE: To report an experimental study evaluating, through digital morphometry, the intimal thickening of the arterial wall after the implant of auto-expandable stainless steel stents covered or not with polytetrafluoroethylene (PTFE in the pig aorta. METHODS: In three groups of pigs a 12 F sheath was inserted in distal abdominal aorta. Group I animals (n=5 served as control. Group II animals (n=10 received an auto

  4. Clinical evaluation of atherosclerosis and mechanical properties of the thoracic aorta

    International Nuclear Information System (INIS)

    Saiki, Atsushi

    1991-01-01

    To evaluate the aortic wall atherosclerosis, X-ray CT and ECG gated radionuclide angiography were performed in 25 subjects. They were classified into 17 normotensive group (N) and 8 hypertensive group (HT). The time-activity curve was generated using radionuclide angiography in the portion of the thoracic aorta. The aortic wall distensibility was expressed as 100ΔV/V 0 / PP, where ΔV was difference between maximum and minimum (V 0 ) counts of the aorta, and PP was pulse pressure. The degree of the aortic wall atherosclerosis was evaluated by X-ray CT. The aortic wall CT-score was calculated from the CT-scores measured whithin the region of interest of the other margin of the aorta and of the background by X-ray CT. There was a significant correlation between aortic wall CT-score and systolic blood pressure (r=0.59, p<0.01) or aortic wall distensibility (r=-0.74, p<0.01)), but no correlation existed between aortic wall CT-score and diastolic blood pressure (r=0.11, p:NS). The aortic wall distensibility was higher and the aortic wall CT-score was lower in N-group than in HT-group, whereas there was no difference of the radius of the aorta between both groups. These results suggest that the aortic wall atherosclerosis advanced progressively in hypertensive patients and systolic blood pressure was a good predictor of the degree of the aortic atherosclerosis. (author)

  5. Efeito da acupuntura na dor lombar: revisão de literatura - doi: 105102/ucs.v12i1.2593

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    José Roberto Pimenta de Godoy

    2014-08-01

    Full Text Available A lombalgia é o acometimento mais frequente da coluna vertebral, sendo uma das principais queixas e uma das causas mais comuns de incapacidade e morbidade. Diversos tipos de tratamento são usados no combate à dor lombar, porém, muitos pacientes não apresentam resultados com a medicina convencional. Entre os tratamentos não convencionais, a acupuntura é uma das principais alternativas para o alívio e cura dessa patologia. Com isso, o objetivo do trabalho é analisar a eficácia da acupuntura no tratamento da lombalgia, comparando-a com outros tratamentos. Para isso, realizou-se uma revisão bibliográfica com 21 estudos, randomizados, revisões de literatura e meta-análises, publicados entre os anos de 1999 e 2011, com o tema deste estudo. A acupuntura foi eficaz no tratamento da lombalgia crônica e seus resultados foram superiores aos de outros tratamentos. Sugerimos que mais estudos sejam feitos para a comprovação dos efeitos da acupuntura na lombalgia aguda.

  6. Differences in the Thoracic Aorta by Region and Sex in a Murine Model of Marfan Syndrome

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Francesc Jiménez-Altayó

    2017-11-01

    Full Text Available Marfan syndrome (MFS is a hereditary disorder of the connective tissue that causes life-threatening aortic aneurysm, which initiates at the aortic root and can progress into the ascending portion. However, analysis of ascending aorta reactivity in animal models of MFS has remained elusive. Epidemiologic evidence suggests that although MFS is equally prevalent in men and women, men are at a higher risk of aortic complications than non-pregnant women. Nevertheless, there is no experimental evidence to support this hypothesis. The aim of this study was to explore whether there are regional and sex differences in the thoracic aorta function of mice heterozygous for the fibrillin 1 (Fbn1 allele encoding a missense mutation (Fbn1C1039G/+, the most common class of mutation in MFS. Ascending and descending thoracic aorta reactivity was evaluated by wire myography. Ascending aorta mRNA and protein levels, and elastic fiber integrity were assessed by qRT-PCR, Western blotting, and Verhoeff-Van Gieson histological staining, respectively. MFS differently altered reactivity in the ascending and descending thoracic aorta by either increasing or decreasing phenylephrine contractions, respectively. When mice were separated by sex, contractions to phenylephrine increased progressively from 3 to 6 months of age in MFS ascending aortas of males, whereas contractions in females were unchanged. Endothelium-dependent relaxation was unaltered in the MFS ascending aorta of either sex; an effect related to augmented endothelium-dependent hyperpolarization-type dilations. In MFS males, the non-selective cyclooxygenase (COX inhibitor indomethacin prevented the MFS-induced enhancement of phenylephrine contractions linked to increased COX-2 expression. In MFS mice of both sexes, the non-selective nitric oxide synthase inhibitor L-NAME revealed negative feedback of nitric oxide on phenylephrine contractions, which was associated with upregulation of eNOS in females. Finally

  7. Differences in the Thoracic Aorta by Region and Sex in a Murine Model of Marfan Syndrome

    Science.gov (United States)

    Jiménez-Altayó, Francesc; Siegert, Anna-Maria; Bonorino, Fabio; Meirelles, Thayna; Barberà, Laura; Dantas, Ana P.; Vila, Elisabet; Egea, Gustavo

    2017-01-01

    Marfan syndrome (MFS) is a hereditary disorder of the connective tissue that causes life-threatening aortic aneurysm, which initiates at the aortic root and can progress into the ascending portion. However, analysis of ascending aorta reactivity in animal models of MFS has remained elusive. Epidemiologic evidence suggests that although MFS is equally prevalent in men and women, men are at a higher risk of aortic complications than non-pregnant women. Nevertheless, there is no experimental evidence to support this hypothesis. The aim of this study was to explore whether there are regional and sex differences in the thoracic aorta function of mice heterozygous for the fibrillin 1 (Fbn1) allele encoding a missense mutation (Fbn1C1039G/+), the most common class of mutation in MFS. Ascending and descending thoracic aorta reactivity was evaluated by wire myography. Ascending aorta mRNA and protein levels, and elastic fiber integrity were assessed by qRT-PCR, Western blotting, and Verhoeff-Van Gieson histological staining, respectively. MFS differently altered reactivity in the ascending and descending thoracic aorta by either increasing or decreasing phenylephrine contractions, respectively. When mice were separated by sex, contractions to phenylephrine increased progressively from 3 to 6 months of age in MFS ascending aortas of males, whereas contractions in females were unchanged. Endothelium-dependent relaxation was unaltered in the MFS ascending aorta of either sex; an effect related to augmented endothelium-dependent hyperpolarization-type dilations. In MFS males, the non-selective cyclooxygenase (COX) inhibitor indomethacin prevented the MFS-induced enhancement of phenylephrine contractions linked to increased COX-2 expression. In MFS mice of both sexes, the non-selective nitric oxide synthase inhibitor L-NAME revealed negative feedback of nitric oxide on phenylephrine contractions, which was associated with upregulation of eNOS in females. Finally, MFS ascending

  8. Flow visualisation study of spiral flow in the aorta-renal bifurcation.

    Science.gov (United States)

    Fulker, David; Javadzadegan, Ashkan; Li, Zuming; Barber, Tracie

    2017-10-01

    The aim of this study was to analyse the flow dynamics in an idealised model of the aorta-renal bifurcation using flow visualisation, with a particular focus on the effect of aorta-to-renal flow ratio and flow spirality. The recirculation length was longest when there was low flow in the renal artery and smaller in the presence of spiral flow. The results also indicate that patients without spiral flow or who have low flow in the renal artery due to the presence of stenosis may be susceptible to heightened development of atherosclerotic lesions.

  9. Insuficiencia renal aguda obstructiva: Estudio de 42 pacientes

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Isabel Caravia Pubillones

    1997-04-01

    Full Text Available Se revisaron las historias clínicas de 42 pacientes ingresados en el Servicio de Cuidados Intensivos del Instituto de Nefrología con el diagnóstico de insuficiencia renal aguda obstructiva (IRAO, con 1 ó 2 riñones funcionantes. Los pacientes estudiados estaban entre la 5ta y la 7ma década de la vida, con una mayor incidencia en el sexo masculino. La causa más frecuente de IRAO fue la litiasis renal (47,62 %, seguida por las enfermedades tumorales que infiltraban los uréteres (28,57 %. Se empleó tratamiento médico en 9 pacientes y el resto (33 fueron sometidos a tratamiento quirúrgico. Las principales complicaciones fueron sépticas con un franco predominio de las infecciones del tractus urinario (38,5 %. Hubo 3 fallecidos, 2 de ellos por complicaciones cardiovasculares. Del total de insuficiencias renales agudas que se atendieron en nuestro Centro, el 10,6 % correspondió a IRAO. La efectividad del tratamiento quirúrgico empleado fue del 94,4 % de curación en los pacientes atendidosMedical records of 42 patients admitted to the Intensive Care Unit of the Institute of Nephrology diagnosed as having acute obstructive renal failure with 1 or 2 kidneys functioning, were revised. Patients studied ware at the 5th and 7th decade of life with a greater incidence in males. The most frequent cause of acute obstructive renal failure was renal lithiasis (47.62 %, followed by tumor diseases which were infiltrating the ureters (28.57 %. Medical treatment was employed in 9 patients and the remaining (33 were submitted to surgical treatment. The main complications were septic with predominance of urinary tract infections (38.5 %. Three patients died, 2 of them as a result of cardiovascular complications. Of the total number of cases presenting with acute renal failure and treated in our center, 10.6 % had an acute obstructive renal failure. The effectiveness of the surgical treatment performed was 94.4 % of healing in patients treated for this

  10. Doença de chagas aguda em mulher de 80 anos no México. Relato anatomopatológico

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Felipe Lozano Kasten

    1993-12-01

    Full Text Available Mulher de 80 anos de idade, com doença de Chagas aguda diagnosticada à necrópsia, adquirida, provavelmente, através de triatomíneos no município de Zacoelo de Torres, no Estado de Jalisco, México. Assinala-se a raridade do encontro de casos de doença de Chagas agudo, na faixa etária da paciente. O exame anatomopatológico mostrou comprometimento do coração, esôfago e intestino grosso. Encontrou-se lesões no sistema nervoso autônomo intramural do esôfago e do intestino grosso, sendo estes achados de interesse, por ocorrer em área geográfica onde os megas tem sido pouco relatados.A case of acute Chagas' disease, diagnosed by necropsy, in a 80-year-old woman, is reported. lt is assumed that infection was acquired through triatomine bite in Zacoelo de Torres, Jalisco State, Mexico. There were lesions due to american trypanosomiasis in the heart, esophagus and bowel. Autonomic nervous lesions were detected in the esophagus and bowel. lt is emphasized the importance of these findings in an area where few cases of megas were reported

  11. Distonia aguda relacionada ao uso de bromoprida em pacientes pediátricos Acute dystonia after use of bromopride in pediatric patients

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Eliane Roseli Barreira

    2009-03-01

    Full Text Available OBJETIVO: Descrever dois casos de distonia aguda após uso de bromoprida em crianças e realizar revisão da literatura em relação aos mecanismos fisiopatológicos de indução de liberação extrapiramidal, sua sintomatologia e tratamento. DESCRIÇÃO DO CASO: Caso 1: adolescente de 13 anos com quadro de dor e hipertonia cervical associados a febre, náuseas e vômitos, com hipótese inicial de meningite. A investigação subsequente revelou que o quadro iniciou-se após ingestão de uma única dose de bromoprida. O paciente apresentou boa resposta ao tratamento com difenidramina, sem necessidade de coleta de líquor. Caso 2: Lactente de seis meses que desenvolveu sintomas graves de liberação extrapiramidal relacionados à superdosagem de bromoprida, com reversão rápida dos sintomas após administração de biperideno. COMETÁRIOS: Este é o primeiro relato de distonia aguda após uso de bromoprida em crianças. Embora muito utilizada no Brasil como agente pró-cinético e antiemético, nenhum estudo clínico até o momento demonstrou melhor perfil de segurança da bromoprida em relação aos demais antieméticos antagonistas da dopamina. Até que tais estudos sejam realizados, sugere-se cautela na prescrição de bromoprida. Medidas não-farmacológicas devem ser recomendadas no tratamento de vômitos e da doença do refluxo gastresofágico. Quando o tratamento farmacológico for indispensável, deve-se dar preferência a drogas com perfil de segurança mais bem estabelecido.OBJECTIVE: To report the case of two patients with acute dystonia induced by bromopride in children, followed by a review of the mechanisms of induction of movement disorders by antidopaminergic anti-emetic drugs, its clinical symptoms and treatment. CASE DESCRIPTION: Case 1: a 13 years old teenager who developed acute hypertonia and neck pain associated to fever and vomiting, suggestive of meningitis. Further investigation revealed that symptoms were associated with

  12. Epidemia de infección respiratoria aguda observaciones hospitalarias

    OpenAIRE

    Chavarría Milanés, José Fernando; Mata, Leonardo; Mohs Villalta, Edgar; Ramírez, Giselle; Lizano, Lucía

    1985-01-01

    artículo -- Universidad de Costa Rica. Instituto de Investigaciones en Salud, 1985 Se describe la clínica, tratamiento y complicaciones de 81 niños lactantes con infección respiratoria aguda. Los niños provenían del cantón central de San José y fueron admitidos en el Hospital Nacional de Niños del 10 de noviembre al 15 de diciembre de 1983. Se encontró un 57% de varones y un 43% de mujeres; los más afectados fueron los niños menores de 3 meses. Más de la mitad de los niños egresó con el di...

  13. Leucemia Linfoblástica Aguda Caso clínico

    OpenAIRE

    Jiménez Navarro, Nuria

    2017-01-01

    El cáncer es una de las segundas causas de muerte de nuestra población considerándose también la segunda causa de muerte entre los 0-14 años de edad. Es una enfermedad multifactorial que consigue deteriorar al paciente tanto física como psíquicamente. La leucemia linfoblástica aguda es el cáncer más relevante en niños, constituyendo el 80% de los casos. Está localizado en las células sanguíneas, normalmente en los glóbulos blancos, de la médula ósea, afectando a la función inmunológica. Debid...

  14. MagnetoHemoDynamics in the aorta and electrocardiograms

    International Nuclear Information System (INIS)

    Martin, Vincent; Drochon, Agnès; Fokapu, Odette; Gerbeau, Jean-Frédéric

    2012-01-01

    This paper addresses a complex multi-physical phenomenon involving cardiac electrophysiology and hemodynamics. The purpose is to model and simulate a phenomenon that has been observed in magnetic resonance imaging machines: in the presence of a strong magnetic field, the T-wave of the electrocardiogram (ECG) gets bigger, which may perturb ECG-gated imaging. This is due to a magnetohydrodynamic (MHD) effect occurring in the aorta. We reproduce this experimental observation through computer simulations on a realistic anatomy, and with a three-compartment model: inductionless MHD equations in the aorta, bi-domain equations in the heart and electrical diffusion in the rest of the body. These compartments are strongly coupled and solved using finite elements. Several benchmark tests are proposed to assess the numerical solutions and the validity of some modeling assumptions. Then, ECGs are simulated for a wide range of magnetic field intensities (from 0 to 20 T). (paper)

  15. Efecto de los inotrópicos sobre la mortalidad en falla cardiaca aguda. Metaanálisis en red de ensayos clínicos

    OpenAIRE

    Juan M. Sénior; Edison Muñoz; James Díaz

    2017-01-01

    Introducción: en pacientes con falla cardiaca aguda es necesario el uso de inotrópicos para lograr su estabilización. Objetivo: definir cuál de los medicamentos inotrópicos se asocia con menor mortalidad. Metodología: se realizó un metaanálisis en red con la aproximación frecuentista. La búsqueda sistemática incluyó PUBMED, EMBASE, CENTRAL, DARE, Epistemonikos, SieELO, LILACS y OpenGray. Se incluyeron ensayos clínicos con asignación aleatoria en pacientes con falla cardiaca aguda que re...

  16. Há evidências favorecendo o uso de betabloqueadores e dobutamina na insuficiência cardíaca aguda?

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luiz Carlos Santana Passos

    2013-02-01

    Full Text Available Diversos estudos relataram os benefícios dos betabloqueadores (BB para pacientes com insuficiência cardíaca sistólica. No entanto, muitos pacientes hospitalizados em decorrência de insuficiência cardíaca aguda já estão usando os BB e requerem dobutaminas para hipotensão arterial e baixo débito cardíaco. Portanto, deve-se tomar uma decisão a respeito de se o BB deve ser mantido ou até mesmo iniciado nesses casos. O objetivo deste estudo foi determinar se há provas que sustentem a segurança e a eficácia dos BB junto com a dobutamina para pacientes com insuficiência cardíaca aguda descompensada (ICAD. Foi realizada uma pesquisa na literatura de língua inglesa nas bases de dados MEDLINE, ISI Web of Science, Biblioteca Virtual em Saúde, Cochrane Library e o Portal de Revistas Científicas do Capes para identificar estudos relacionados. Literatura adicional foi obtida mediante a análise das respectivas referências encontradas nos artigos identificados. Os resultados esperados incluíram informações sobre o prognóstico (intra-hospitalar e na mortalidade no acompanhamento, número de dias de internação e reinternação, eficácia e segurança (agravamento dos sintomas, choque, intolerância do uso concomitante desses medicamentos em pacientes hospitalizados com ICAD e baixo débito cardíaco. Esta análise incluiu nove estudos. No entanto, não foram encontrados ensaios clínicos randomizados sobre o assunto. A maioria dos estudos inclui baixo número de pacientes, e não foram encontrados estudos que abordem a segurança do uso concomitante desses medicamentos. Os dados resultantes sugerem que uma cuidadosa revisão da literatura não forneceu evidências para o uso sistemático de BB em pacientes com síndrome de baixo débito cardíaco que necessitam de suporte inotrópico com dobutamina.

  17. Infección respiratoria aguda en niños que acuden a un centro de desarrollo infantil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Nandí-Lozano Eugenia

    2002-01-01

    Full Text Available Objetivo. Establecer la incidencia de infección respiratoria y los patrones de colonización faríngea en niños que asisten a guarderías. Material y métodos. Se realizó un estudio de cohorte en niños menores de cuatro años de edad, de uno u otro sexo, asistentes a la guardería del Hospital Infantil de México Federico Gómez, de la Ciudad de México, durante abril a octubre de 1999. Se registró la presencia de infección de vías aéreas superiores cada semana, y de colonización cada tres meses, mediante un exudado nasofaríngeo. Se hizo estadística descriptiva de las variables analizadas. Se determinaron tasas de infección respiratoria aguda. Resultados. Se estudiaron 85 niños, 40 del sexo femenino (47% y 45 del sexo masculino (53% durante un total de 9 090 niños/día de seguimiento. Tres niños tenían antecedentes de atopia (3.52%, seis niños antecedentes de asma (7.05%, y 39 eran expuestos a tabaquismo pasivo (45.88%. Se diagnosticaron 246 rinofaringitis (95.3%, nueve otitis media aguda (3.48%, tres bronquiolitis (1.16%, para un total de 258 eventos de infección respiratoria aguda. La tasa de incidencia global fue de 10.35 infecciones por niño/año de observación (IC 95% 8.7-12.0. La incidencia de otitis y bronquiolitis fue de 0.36 y 0.12 eventos por niño/año de observación. Se tomaron cultivos nasofaríngeos con una prevalencia de colonización para S. pneumoniae de 20.4%, H. influenzae no tipificable 13.1% y Moraxella catarrhalis 8.1%. Conclusiones. Los resultados no sólo demuestran una alta prevalencia de colonización debido a cepas invasivas, sino que también revelan una tasa de incidencia de infección respiratoria aguda del doble de lo reportado en estudios de comunidad. Estos resultados ayudan a caracterizar un problema pobremente documentado en nuestro país.

  18. Parafusos pediculares: estruturas anatômicas em risco no tratamento da escoliose idiopática Tornillos pediculares: las estructuras anatómicas en riesgo en el tratamiento de escoliosis idiopática Pedicle screws: anatomic structures at risk in idiopathic scoliosis treatment

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Herton Rodrigo Tavares Costa

    2012-12-01

    Full Text Available OBJETIVO: Avaliar a posição das estruturas anatômicas em risco durante a inserção de parafusos pediculares na coluna torácica e sua relação com a variação do ângulo de Cobb. MÉTODOS: Os parâmetros estudados foram: a medida do ângulo de Cobb nas radiografias e a posição da medula espinhal, da cavidade pleural e aorta na ressonância nuclear magnética em relação a uma linha de 40mm criada para simular o parafuso pedicular nas cinco vértebras apicais. RESULTADOS: A distância da aorta ao corpo vertebral e o ângulo de segurança do lado convexo apresentaram diferença estatística quando relacionados com a variação do ângulo de Cobb medido. CONCLUSÃO: Os resultados apresentados sugerem maior risco de lesão da artéria aorta com o aumento do ângulo de Cobb e aumento do risco na inserção de parafusos pediculares no lado convexo da curvatura, quando se considera o ângulo de segurança.OBJETIVO: Evaluar la posición de las estructuras anatómicas en situación de riesgo durante la inserción de tornillos pediculares en la columna torácica y su relación con la variación del ángulo de Cobb. MÉTODOS: Los parámetros estudiados fueron: la medida del ángulo de Cobb en las radiografías y la posición de la médula espinal, la cavidad pleural y la aorta en la RM en relación con una línea de 40mm, diseñada para simular el tornillo pedicular en el plano de las cinco vértebras apicales. RESULTADOS: La distancia desde la aorta hacia el cuerpo vertebral y el ángulo de seguridad en el lado convexo mostraron diferencia estadística relacionada con la variación del ángulo de Cobb medido. CONCLUSIÓN: Los resultados sugieren un mayor riesgo de daño a la aorta con el aumento del ángulo de Cobb e incremento del riesgo en la inserción de tornillos pediculares en el lado convexo cuando se considera el ángulo de seguridad.OBJECTIVE: To evaluate the position of anatomical structures at risk during insertion of pedicle screws in

  19. Two-stage multilevel en bloc spondylectomy with resection and replacement of the aorta.

    Science.gov (United States)

    Gösling, Thomas; Pichlmaier, Maximilian A; Länger, Florian; Krettek, Christian; Hüfner, Tobias

    2013-05-01

    We report a case of multilevel spondylectomy in which resection and replacement of the adjacent aorta were done. Although spondylectomy is nowadays an established technique, no report on a combined aortic resection and replacement has been reported so far. The case of a 43-year-old man with a primary chondrosarcoma of the thoracic spine is presented. The local pathology necessitated resection of the aorta. We did a two-stage procedure with resection and replacement of the aorta using a heart-lung machine followed by secondary tumor resection and spinal reconstruction. The procedure was successful. A tumor-free margin was achieved. The patient is free of disease 48 months after surgery. En bloc spondylectomy in combination with aortic resection is feasible and might expand the possibility of producing tumor-free margins in special situations.

  20. Medical image of the week: atherosclerotic aneurysm of aortic arch and descecnding thoracic aorta

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Parasram M

    2016-02-01

    Full Text Available No abstract available. Article truncated after 150 words. A 94-year-old Spanish-speaking woman presented to the hospital with intermittent episodes of dyspnea and abdominal pain for one week. Her past medical history was notable for 30 pack-year smoking history and hypertension, which was reportedly controlled with medical therapy. Physical exam showed trace peripheral edema bilaterally, intact peripheral pulses, and a mild abdominal bruit. Work up at the emergency department revealed a non-ST elevation myocardial infarction with troponin T of 0.34 ng/mL but no ST-wave abnormality on electrocardiography. Chest x-ray displayed an incidental thoracic aneurysm (Figure 1. Chest computed tomography with contrast demonstrated a continuous aneurysm of the aortic arch and descending thoracic aorta with diameters measuring 6.8 cm and 6 cm, respectively (Figure 2A and 2B. Eccentric thrombi are noted in the aortic arch and the descending aorta. Interestingly, the distal descending thoracic aorta curves as it transitions to the abdominal aorta, which is evidence of a tortuous descending ...

  1. Controversias en el manejo actual de la coartación de la aorta

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Edgardo Vanegas

    2013-09-01

    Full Text Available La coartación de la aorta fue descrita clásicamente como una simple estrechez del istmo aórtico que podría ser "curada" por medio de cirugía. En la actualidad se sabe que es la manifestación clínica de una vasculopatía arterial más amplia, en donde la afección del arco aórtico puede ser variable. La corrección quirúrgica ha demostrado ser un tratamiento efectivo para el manejo de la coartación aórtica nativa y permanece como el de elección en neonatos. De otra parte, la angioplastia con balón es el tratamiento de elección en niños con recoartación, cuyos resultados en la reducción aguda del gradiente aórtico posterior al manejo de la coartación nativa, son similares a los obtenidos con cirugía. La implantación de prótesis endovasculares (stents ha mostrado excelentes resultados a corto plazo tanto en niños mayores como en adultos con coartación nativa. En pacientes con coartación recurrente considerados de alto riesgo quirúrgico, la angioplastia con balón y la implantación de stent ofrecen una estrategia de manejo menos invasiva e igual de efectiva. Se prefiere el uso de stents sobre la angioplastia con balón en adultos y niños mayores con coartación recurrente, ya que el riesgo de recoartación y formación de aneurismas parece ser menor. No se cuenta con suficiente información acerca de los desenlaces a largo plazo posteriores al tratamiento percutáneo de la coartación aórtica. Este artículo revisa las controversias existentes en cuanto al manejo actual de esta condición.

  2. Controversias en el manejo actual de la coartación de la aorta

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Edgardo Vanegas, MD

    2013-09-01

    Full Text Available La coartación de la aorta fue descrita clásicamente como una simple estrechez del istmo aórtico que podría ser “curada” por medio de cirugía. En la actualidad se sabe que es la manifestación clínica de una vasculopatía arterial más amplia, en donde la afección del arco aórtico puede ser variable. La corrección quirúrgica ha demostrado ser un tratamiento efectivo para el manejo de la coartación aórtica nativa y permanece como el de elección en neonatos. De otra parte, la angioplastia con balón es el tratamiento de elección en niños con recoartación, cuyos resultados en la reducción aguda del gradiente aórtico posterior al manejo de la coartación nativa, son similares a los obtenidos con cirugía. La implantación de prótesis endovasculares (stents ha mostrado excelentes resultados a corto plazo tanto en niños mayores como en adultos con coartación nativa. En pacientes con coartación recurrente considerados de alto riesgo quirúrgico, la angioplastia con balón y la implantación de stent ofrecen una estrategia de manejo menos invasiva e igual de efectiva. Se prefiere el uso de stents sobre la angioplastia con balón en adultos y niños mayores con coartación recurrente, ya que el riesgo de recoartación y formación de aneurismas parece ser menor. No se cuenta con suficiente información acerca de los desenlaces a largo plazo posteriores al tratamiento percutáneo de la coartación aórtica. Este artículo revisa las controversias existentes en cuanto al manejo actual de esta condición.

  3. Dissection of descending aorta treated by stent-graft implantation in a patient with Marfan syndrome

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marat A. Aripov

    2017-04-01

    Full Text Available This report describes a 32 years old patient with Marfan syndrome and hypertension. David`s procedure was performed to the patient three months before due to dissection of the ascending thoracic aorta. Computer tomography scan showed DeBakey type III dissection of aorta beginning from left subclavian artery with transition to the ostium of the celiac trunk and proximal part of the left common iliac artery. Stent-grafts in the descending thoracic aorta with overlapping of left subclavian artery were implanted to the patient with Marfan syndrome. Patient was discharged and no complications recorded at 6th month follow-up.

  4. High-pitch dual-source CT angiography of the whole aorta without ECG synchronisation: Initial experience

    International Nuclear Information System (INIS)

    Beeres, Martin; Schell, Boris; Mastragelopoulos, Aristidis; Kerl, Josef Matthias; Gruber-Rouh, Tatjana; Lee, Clara; Siebenhandl, Petra; Bodelle, Boris; Zangos, Stephan; Vogl, Thomas J.; Jacobi, Volkmar; Bauer, Ralf W.; Herrmann, Eva

    2012-01-01

    To investigate the feasibility, image quality and radiation dose for high-pitch dual-source CT angiography (CTA) of the whole aorta without ECG synchronisation. Each group of 40 patients underwent CTA either on a 16-slice (group 1) or dual-source CT device with conventional single-source (group 2) or high-pitch mode with a pitch of 3.0 (group 3